Page 1


EDITORIAL

ÍNDICE Tecnologia............................................................3 Agricultura.............................................................4 Análise...................................................................5 Famasul em Ação ................................................6 e 7 Giro Rural ...........................................................8 a 18 Senar/MS 2017.........................................................19

Palavras do Presidente

EXPEDIENTE

Mais um ano se inicia e com ele 365 novas oportunidades de desenvolvimento e de produção. Em Mato Grosso do Sul, começamos este novo ciclo com um dos eventos mais esperados pelos produtores rurais, profissionais, estudantes e interessados no setor, em nível nacional: O Showtec 2017. Há mais de 20 anos, a vitrine tecnológica fornece ao setor informações que podem otimizar o desempenho tanto da ‘porteira para dentro’, como nos demais elos da cadeia produtiva. O Showtec tem como principal objetivo trazer informações inovadoras para o agro. A meta para este ano é reunir 16 mil pessoas que terão acesso, por intermédio de cursos, palestras e debates, aos assuntos que impactam diretamente os agentes que atuam no campo e na cidade. O Sistema Famasul, como não podia ser diferente, é parceiro desta iniciativa promovida pela Fundação MS e aproveitará a oportunidade para, entre outras ações, apresentar uma das principais iniciativas do Senar/MS – os programas do ATeG - Assistência Técnica e Gerencial. Além disso, organizamos caravanas de produtores e técnicos de diversos municípios para que toda esta tecnologia e dados técnicos cheguem de fato à ponta produtiva, cumprindo assim um dos pilares da gestão do Sistema Famasul que é o compartilhamento de informação. Confira aqui tudo o que vai acontecer neste evento e acompanhe a reportagem com o nosso diretor tesoureiro e presidente da Fundação MS, Luís Alberto Moraes Novaes. Nesta primeira edição de 2017, há também a matéria sobre a abertura oficial da colheita de soja em Mato Grosso do Sul. O evento que trará os dados consolidados da produção da oleaginosa será realizado nos dias 25 e 26 de janeiro, em Ponta Porã, que é o segundo maior polo produtor do Estado. Com a finalidade de levar aos produtores informações econômicas que servem como auxílio na tomada de decisões de compra e de venda, abordamos neste exemplar uma análise de mercado. Apesar da conjuntura do País, o cenário agropecuário de Mato Grosso do Sul conseguiu bons números em 2016. Veja também as galerias de fotos dos últimos eventos que movimentaram nossa instituição em 2016, assim como o Giro Rural, que mostra o que está acontecendo em nossos sindicatos.

FAMASUL | Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul Presidente: Mauricio Koji Saito Vice-Presidente: Nilton Pickler Diretora-Secretária: Terezinha de Souza Candido Silva | Diretor-Tesoureiro: Luis Alberto Moraes Novaes | Diretor Executivo: Lucas Galvan | 2º Secretário: Diogo Peixoto da Luz | 3º Secretário: André Ribeiro Bartocci | 2º Tesoureiro: Thaís Carbonaro Faleiros | 3º Tesoureiro: Rogério de Menezes CONSELHO DE VICE-PRESIDENTES Tereza Cristina Correa da Costa Dias | Jean Pierre Paes Martins | Luciano Aguilar Rodrigues Leite | Niuto Pereira de Souza | Marco Garcia de Souza | Yoshihiro Hakamada | Marcelo Loureiro de Almeida | Lucio Damália | Edy Elaine Biondo Tarrafel MEMBROS SUPLENTES DA DIRETORIA Luis Otávio Britto Fernandes | Otávio Vieira Melo | João Borges dos Santos Júnior | Telma Menezes de Araújo | Murilo Eduardo Franciscon Ricardo | Thiago Arantes | Wilberto Antônio de Amaral | Luiseu Bortoloci | Reinaldo Alves dos Santos | Rudimar Artur Borgelt | Antônio Umberto Maran | Adauto Rodrigues de Oliveira | Durval Ferreira Filho | Paulo Cardim | Valdeci Pelizer | Antônio Gesuatto | Ademir Antônio Cruvinel MEMBROS DO CONSELHO FISCAL Efetivos: Ruy Fachini Filho | Maria Lizete Barreto de Menezes Brito | Janes Bernardino Honório Lyrio | Suplentes: Rafael Nunes Gratão | Dário Alves de Souza | Roberto Alves Vasconcelos SENAR – MS | Administração Regional do Estado de Mato Grosso do Sul | Conselho Administrativo | Dirigente: Mauricio Koji Saito – Famasul | Membros titulares: Luciano Muzzi Mendes | José Pereira da Silva | Daniel Kluppel Carrara | Valdinir Nobre de Oliveira | Conselho Fiscal: Paulo César Bózoli | João Batista da Silva | Alaíde Ferreira Teles | Superintendência: Rogério Thomitão Beretta INFORMATIVO SISTEMA FAMASUL Coordenação da Unidade de Comunicação, Marketing e Evento: Carla Gavilan Gestão da Unidade de Assessoria de Imprensa e Comunicação: Ana Brito Equipe: Aline Oliveira | Bllener Tavares | Ellen Albuquerque | Flávio Gutierrez | João Carlos Castro | Rodrigo Scalabrini | Estagiárias: Bruna Fioroni e Camila Sabariego| Redação e Revisão: Anderson Viegas | Projeto Gráfico, Edição e Diagramação: Fixa Comunicação | Fotos da edição: Assessoria de Imprensa do Sistema Famasul,

Desejo a todos uma leitura edificante e um ano excepcionalmente próspero.

Paulo Falcão Jr., Sepaf, Assessoria de Imprensa de Jateí, Danilo Marques, Larissa Morais e Gerson Walber (OAB/MS) FAMASUL: Rua Marcino dos Santos, 401 | Cachoeira II | Campo Grande/MS

Mauricio Saito Presidente do Sistema Famasul

2

Tel.: (67) 3320.9700 | Site: famasul.com.br SENAR - MS: Rua Marcino dos Santos, 401 | Cachoeira II | Campo Grande/MS Tel.: (67) 3320.6900 | Site: senarms.org.br

senarms.org.br


TECNOLOGIA SHOWTEC APRESENTA NOVIDADES TECNOLÓGICAS PARA O CAMPO E DISCUTE OS DESAFIOS DO AGRO

Showtec terá mais de 120 expositores na edição deste ano, segundo o presidente da Fundação MS

Uma programação que vai apresentar uma série de novidades tecnológicas para a agropecuária e possibilitar uma discussão aprofundada de alguns dos principais desafios do setor neste ano. Esses são os grandes objetivos da edição 2017 do Showtec, da Fundação MS. Considerada uma das principais feiras de agrotecnologia do Estado é promovida em Maracaju, neste mês, e conta com a parceria do Sistema Famasul, Aprosoja/MS e Senar/MS. O presidente da Fundação MS e diretor tesoureiro do Sistema Famasul, Luís Alberto Moraes Novaes, ressalta que o evento é uma grande oportunidade para que os produtores tenham acesso às novidades do setor. “As informações técnicas, palestras, exposições, bem como mostras de sistemas produtivos são apresentadas aos participantes para que eles possam aplicar tais inovações em suas atividades. Nossa missão é transferir conhecimento, por meio de parceiras com diversas instituições de pesquisa, desenvolvendo novas alternativas para que o produtor leve ao campo o que melhor se adapta com as condições de solo, clima e em respeito ao meio ambiente", comenta. Segundo ele, a expectativa é que durante os três dias de evento, que começa no dia 18 e vai até o dia 20, 16 mil pessoas passem pela sede da Fundação MS para visitar os estandes dos mais de 120 expositores, que estão espalhados por uma área de 12 hectares. A programação traz debates sobre temas importantes para o setor, como: manejo de pastagens para aumento da produção bovina, bem estar animal, construção do solo para máxima produtividade, estruturação

física do solo, sanidade, qualidade do solo, melhoramento genético, integração e sucessão familiar, entre outros. Um dos destaques do evento é a visita ao campo que ocorre no dia 19, em que vão ser apresentados os efeitos de espécies vegetais na estrutura do solo por meio de uma trincheira com mais de 50 metros quadrados aberta em plena feira. Já no dia 20, a visita vai tratar da amostragem e identificação de insetos agrícolas e eficiência de biotecnologia em milho. Paralela à Showtec, acontece ainda uma mostra de tecnologias para pequenos negócios rurais, com cultivos de hortaliças, avicultura, plasticultura, preparo de insumos orgânicos, processo e colheita, higienização, seleção e classificação de hortaliças e assistência técnica. O presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, destaca a importância do Showtec para a agropecuária do Estado e do País, elogiando o trabalho desenvolvido pela Fundação MS e outras instituições de pesquisa do setor. “O Brasil, há 50 anos, vivia uma insegurança alimentar, e graças ao trabalho da comunidade científica, de instituições como a Fundação MS, em Mato Grosso do Sul, o nosso País se tornou o segundo maior exportador de alimentos do mundo”, afirma. O presidente do Sindicato Rural de Maracaju, Juliano Schmaedecke, ressalta a oportunidade que o evento possibilita ao produtor da região. “É chance de termos acesso a novas tecnologias que já estão validadas e estão no mercado. O momento exige que o produtor esteja cada vez mais familiarizado com essas novidades para manter sua competitividade”, conclui.

famasul.com.br

3


AGRICULTURA REFERÊNCIA EM NOVAS TECNOLOGIAS E 5º MAIOR PRODUTOR, MS SEDIA ABERTURA DA COLHEITA DE SOJA

Quinto maior produtor do País, MS sedia a abertura nacional da colheita de soja

Em 30 anos a produção de soja de Mato Grosso do Sul cresceu quase cinco vezes. De 1,9 milhão de toneladas na temporada 85/86 saltou para 7,2 milhões de toneladas na safra 15/16. No mesmo período a área cultivada cresceu 1,8 vezes, de 1,3 milhão de hectares para 2,4 milhões de hectares, o que significa que o aumento de volume ocorreu principalmente em razão de ganhos de produtividade, devido à que ocorreram com a utilização de novas tecnologias e inovação. Atualmente, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o Estado é o quinto maior produtor nacional da oleaginosa e o sexto maior exportador do grupo de produtos chamado de “Complexo Soja”, onde se incluem desde os grãos até a farinha que sobra do processamento. A commodity e seus derivados foram responsáveis no ano passado por mais de um terço da receita sul-mato-grossense com as vendas internacionais. É diante deste contexto, da importância da oleaginosa para a economia de Mato Grosso do Sul, e da representatividade da produção estadual para o Brasil, que será promovida pela primeira vez no Estado a abertura nacional da colheita da soja. O evento será realizado entre os dias 25 e 26 de janeiro, na Fazenda Jotabasso, em Ponta Porã, mesmo local onde foi iniciado simbolicamente em 16 de setembro do ano passado o plantio desta safra. Promovido pela Associação dos Produtores de Soja do Brasil (Aprosoja

4

senarms.org.br

Brasil) e pela unidade sul-mato-grossense da entidade (Aprosoja/MS), além do Senar/MS e Canal Rural, com apoio do Sistema Famasul, o evento tem o primeiro dia de sua programação voltado para a capacitação de produtores, técnicos e outros profissionais da área. Por meio de palestras de empresas e entidades parceiras como a Jotabasso, Monsanto, Basf e Yara, serão debatidos temas como a gestão e a produção agrícola, as perspectivas tecnológicas para o controle de insetos e o manejo nutricional para que se alcance o máximo do potencial produtivo do grão, entre outros assuntos. Já no segundo dia da programação, uma palestra da Embrapa vai discutir o uso e a ocupação da terra no País e a sustentabilidade de sua produção agrícola comparada a outros players mundiais. Na sequência ocorrerá a abertura da colheita da safra, com a presença de várias autoridades estaduais e nacionais. Para o presidente da Aprosoja/MS, Christiano Bortolotto, a realização deste evento em Mato Grosso do Sul representa o reconhecimento nacional ao trabalho do sojicultor, as instituições de pesquisa, entidades representativas e toda a cadeia produtiva ligada a oleaginosa no Estado. “Isso reforça ainda mais o quanto é tecnificada nossa produção e porque somos uma das referências no País na utilização de novas tecnologias no cultivo”, concluiu.


ANÁLISE APESAR DA CONJUNTURA DO PAÍS, AGROPECUÁRIA DE MS CONSEGUE BONS NÚMEROS EM 2016

Investimentos feitos em tecnologia ajudaram produtores a enfrentar conjuntura de 2016, diz Saito

A agropecuária de Mato Grosso do Sul encerrou 2016 contabilizando bons números, apesar do cenário nacional adverso. A avaliação é do presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, que aponta que os investimentos feitos pelos produtores, principalmente na área de tecnologia, foram fundamentais para o desempenho obtido. No ano, conforme ele, o Estado se manteve entre os principais produtores e exportadores do setor. Foi, por exemplo, o segundo maior produtor de carne bovina e o quinto em vendas para o mercado internacional, tendo uma participação de 9% em toda a receita brasileira com a comercialização. Reforça a importância do segmento, conforme Saito, o fato de que o setor teve uma participação no acumulado de janeiro a outubro do ano passado, de 95,3% de todo o faturamento de Mato Grosso do Sul com as exportações, o que representou US$ 3,4 bilhões de receita. Para este ano, o presidente do Sistema Famasul comenta que as projeções indicam uma discreta melhoria do desempenho da agropecuária. O Valor Bruto de Produção (VBP), indicador que leva em conta volumes de produção e preços médios da agricultura e pecuária, previsto para 2017 no estado é de R$ 26,1 bilhões, cerca de 1% maior que o registrado em 2016, que foi de R$ 25,9 bilhões. Na agricultura o maior crescimento percentual no VBP, de acordo com ele, deve ser o da cana-de-açúcar, 15,6%, que deve passar na comparação dos dois anos, de R$ 3,9 bilhões para R$ 4,6 bilhões. Na avaliação da gestora do Departamento de Economia do Sistema Famasul, Adriana Mascarenhas, o incremento se deve a maior demanda pelo açúcar.

Já na pecuária, a produção de suínos deve ser o destaque do ano, com alta de 15,4%. Ela apontou ainda que no caso da soja, a previsão é de que a renda bruta permaneça no mesmo patamar de 2016, em R$ 8,5 bilhões, enquanto que a do milho, deve subir 11,7%, atingindo os R$ 4,3 bilhões. Quanto a bovinocultura, a estimativa é de uma queda de 8,8% no VBP, que deve se retrair para R$ 6,5 bilhões. “Tudo vai depender da nossa economia a partir do segundo semestre. Se persistir o mesmo cenário que 2016 veremos, no mercado, pouco boi e muita carne, ou seja, pouca oferta e um consumo interno menor ainda”, analisa. Além de analisar o desempenho do setor, o presidente do Sistema Famasul também abordou a atuação da entidade no ano passado. Segundo ele, por meio do Senar/MS, foram promovidas 7,3 mil turmas de cursos de Formação Profissional Rural (FPR) e Promoção Social (PS), sendo capacitadas 175,7 mil pessoas. Para este ano a meta é ampliar em 39,2% a oferta de treinamentos, beneficiando uma quantidade de pessoas 45,9% maior. Destacou ainda que com o Agrinho, maior iniciativa de responsabilidade social da instituição, foram atendidos 120 mil alunos no ano passado e que o objetivo é ampliar esse número em 50% esse ano, levando o programa a 180 mil estudantes de 51 municípios. Por fim destacou que durante o ano, o Sistema Famasul promoveu 80 eventos, que totalizaram a participação de 35 mil pessoas. Um dos destaques foi o Circuito Famasul, realizado em polos da atividade no Estado e que teve um público total de 2 mil pessoas.

famasul.com.br

5


FAMASUL EM AÇÃO

Abertura da FEAPAN 2016

Mauricio Saito durante posse do novo reitor da UFMS, Marcelo Turine

Lançamento da vacinação contra aftosa

Abertura da Rota do Desenvolvimento em Campo Grande

Presidente do Sistema Famasul com os presidentes da Fecomércio e Faems

Lançamento da Showtec 2017, na sede do Sistema Famasul

Mauricio Saito durante evento O Futuro da Agricultura, na CNA

Presidentes dos sindicatos rurais de MS na abertura da Expoivi 2016

Exposição Agropecuária do Vale do Ivinhema 2016

Diretoria do Sistema Famasul na palestra Limites da Intensificação na Pecuária

Presidente do Sistema Famasul no 1º Fórum de Integração Trabalhista, na UFMS

MS AGRO 2016

MS AGRO 2016 – Mauricio Saito com os convidados especiais

Encontro dos Mobilizadores e Secretários do Sistema Famasul

6

senarms.org.br

Presidente Mauricio Saito no evento de confraternização do Sindicato Rural de Jateí


FAMASUL EM AÇÃO

Assinatura do Termo de Cooperação entre as Federações e o Banco do Brasil

Presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, na Campanha Compartilhe o Natal, do Ministério Público do Estado de MS

Programa do Senar/MS Dia do Homem e da Mulher realizado em Jaraguari

Presidente Mauricio Saito com o presidente da FIEMS, Sérgio Longen

Diretor tesoureiro do Sistema Famasul, Luis Alberto Moraes Novaes, na solenidade de premiação do Agrinho 2016

Cerimônia de premiação 2016 do Concurso do Programa Agrinho, do Senar/MS

Presidente Mauricio Saito no 4º Seminário de Líderes da OCB/MS

Presidente do Sistema Famasul durante cerimônia de entrega de certificados e premiação do Agrinho, em Deodápolis

Solenidade de entrega dos presentes arrecadados para a Campanha Compartilhe o Natal, do MPE

Coletiva de Imprensa do Sistema Famasul

Mauricio Saito e presidente do Sindicato Rural de Deodápolis, Paulo Cardim, na cerimônia de entrega de certificados

Cerimônia de homenagem Boas Práticas – ATER aos extensionistas de MS

Presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, toma posse como novo conselheiro do Condel/ Sudeco

Presidentes dos sindicatos rurais de MS na cerimônia de certificação em Deodápolis

Presidente Mauricio Saito com os homenageados da cerimônia de Boas Práticas – ATER

famasul.com.br

7


GIRO RURAL SINDICATO DE AMAMBAI PROMOVE PREMIAÇÃO DO AGRINHO A premiação dos alunos finalistas do Agrinho foi um dos destaques do encerramento de atividades do Sindicato Rural de Amambai em 2016. O programa, iniciativa do Senar/MS e Sistema Famasul em parceria com a entidade, foi realizado no ano passado pela primeira vez no município. “Tem uma importância muito grande para a formação de pessoas melhores para o mundo, pois trata da conscientização sobre o meio ambiente e da responsabilidade da agropecuária”, disse o presidente Ronan Nunes da Silva. Outra ação relevante neste período foi, conforme ele, a parceria celebrada com o CREA-MS, para a instalação de um ponto de apoio na sede da instituição. Mais informações pelo telefone: (67) 3481-1093.

SINDICATO RURAL DE ANGÉLICA CONCLUI 2016 COM 173 CAPACITAÇÕES OFERECIDAS O Sindicato Rural de Angélica concluiu suas ações em 2016 com um número expressivo de capacitações oferecidas em parceria com o Senar/MS a produtores e trabalhadores rurais do município, 173. O presidente, Antônio Gesuatto, afirma que os treinamentos voltados à área de informática foram os mais procurados no ano passado e aponta que para este ano a meta é atingir pelo menos 180 cursos. “Além da nossa demanda normal temos ainda a de empresas e parceiros que nos procuram. Para 2017, a usina sucroenergética instalada no município, por exemplo, já nos encaminhou vários pedidos, então, acabaremos superando essa previsão”, projetou. Mais informações pelo site: www.sindicatoruralangelica.com.br.

DIRETORIA DE SINDICATO RURAL DE ANTÔNIO JOÃO APROXIMA ENTIDADE DE ASSENTADOS O Sindicato Rural de Antônio João está fazendo um trabalho de aproximação da entidade com assentados do município e região. Uma das principais ações desta iniciativa, conforme a presidente, Roseli Maria Ruiz, é apresentar a esses produtores os serviços que podem ser oferecidos a eles bem como disponibilizar, em parceria com o Senar/MS, cursos e capacitações, que podem ajudá-los a gerar renda. Famílias de pelo menos quatro assentamentos estão sendo atendidas com essa mobilização. Mais informações pelo telefone: (67) 3435-1144.

8

senarms.org.br


GIRO RURAL APARECIDA DO TABOADO AUXILIA NA CRIAÇÃO DE PATRULHA RURAL E FOMENTA A HEIVECULTURA O Sindicato Rural de Aparecida do Taboado demonstrou a importância da união do setor produtivo com o Poder Público. Fez, segundo o presidente, Eduardo Antonio Sanchez, uma parceria com a Polícia Militar e o Judiciário, que possibilitou que uma caminhonete apreendida fosse recuperada e utilizada para rondas policiais no campo. A atuação da patrulha rural, como está sendo chamada a equipe da PM que faz esse trabalho, já contribuiu para a redução do número de furtos de gado na região. Outra ação foi promover um encontro de produtores de seringueira. “Queremos fortalecer a heveicultura com uma associação estadual, pois em dois ou três anos seremos o quarto maior produtor do País”, disse. Mais informações pelo telefone: (67) 3565-1288.

CURSOS, ENTREGA DE CERTIFICADOS E LEILÃO AGITAM FIM DE ANO EM AQUIDAUANA Diversos eventos agitaram o fim de ano no Sindicato Rural de Aquidauana. Segundo o presidente, Frederico Borges Stella, foram promovidos 12 cursos somente no mês de dezembro e realizada ainda uma confraternização para a entrega de certificados as instituições parceiras. A entidade também comemorou os bons resultados atingidos na primeira edição do seu leilão. No evento foram comercializados fêmeas e machos para cria, recria e engorda. Mais informações pelo telefone: (67) 3241-2826.

SINDICATO DE ARAL MOREIRA PARABENIZA ALUNOS E PROFESSORES QUE PARTICIPARAM DO AGRINHO O presidente do Sindicato Rural de Aral Moreira, Osvin Mittank, e toda sua diretoria fizeram questão de parabenizar todos os alunos, professores e a comunidade escolar pela participação nas atividades do Agrinho em 2016. Mereceu destaque especial a conquista do 2º e 3º lugar em Redação no 4º Ano e o 1º lugar também na categoria Redação do 5º Ano do concurso do programa. Também foi ressaltada a parceria da entidade com o Senar/MS, prefeitura e os colégios para viabilizar a iniciativa. Mais informações pelo telefone: (67) 3488-1307.

famasul.com.br

9


GIRO RURAL BANDEIRANTES TEM 15 PRODUTORES PARTICIPANDO DO PROGRAMA SOJA PLUS Após palestra promovida em dezembro do ano passado, 15 produtores rurais de Bandeirantes aderiram ao programa Soja Plus, iniciativa da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/ MS) e que conta com apoio do Sistema Famasul. Segundo o presidente do sindicato rural do município, João Nelson Lyrio, a expectativa é que ainda neste mês de janeiro os participantes recebam as visitas técnicas que vão diagnosticar os desafios e as oportunidades, e ainda monitorar o desempenho de cada propriedade. Mais informações pelo telefone: (67) 3261-1251.

SENAR/MS CONTRIBUI NA PONTUAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS AGROPECUÁRIAS EM BATAYPORÃ O Sindicato Rural de Batayporã formalizou em 2016 parceria com uma consultoria em certificação que prioriza as boas práticas agropecuárias realizadas nas atividades rurais e que pontua positivamente a produção pecuária e agrícola no comércio nacional e internacional. Com apoio do Senar/MS foram realizados eventos direcionados à propriedades da região e nesse início de 2017 já se programaram para atender em janeiro com o curso de noções de primeiros socorros. “Ficamos muito satisfeitos em ser procurados por empresas para intermediar a capacitação via Senar/MS, assim como pela administração pública municipal. Isso comprova que a sociedade reconhece os esforços do setor agropecuário”, afirma o presidente, Altamir Ramos da Fonseca. Mais informações pelo telefone: (67) 3343-1388.

SINDICATO RURAL DE BELA VISTA COMEMORA EXPANSÃO DA ÁREA DE SOJA NO MUNICÍPIO O Sindicato Rural de Bela Vista está comemorando a expansão da agricultura no município. Segundo o presidente, Leandro Mello Acioly, a expectativa é que a área de soja que na safra 2015/2016 chegou a 25 mil hectares atinja em torno dos 30 mil já no ciclo 2016/2017, o que representa um incremento de aproximadamente 20%. “A melhoria da infraestrutura na área rural do município, com o compromisso do Poder Público para a instalação de pontes de concreto, por exemplo, tem animado os produtores a investirem mais nas lavouras”, analisa o dirigente. Mais informações pelo telefone: (67) 3439-1460.

10

senarms.org.br


GIRO RURAL SINDICATO RURAL DE BONITO ELEGE NOVA DIRETORIA PARA TRIÊNIO 2017-2019 O Sindicato Rural de Bonito elegeu no fim de 2016 sua nova diretoria para o triênio 2017-2019. A presidência será exercida por Elza Maria Trevelin, que foi vice na gestão de Marcelo Bertoni, que passa a ocupar este cargo no novo mandato. Completam o quadro de diretores efetivos: Fabio Troncon, Leôncio de Souza Brito Neto, Jefferson Doreto de Souza e Jorge Luiz Soares de Figueiredo. Já o Conselho Fiscal terá como membros titulares: Sueli Monteiro dos Santos de Azevedo, Darwim Girelli e Silvio Roberto Rocca, enquanto que os delegados que representarão a instituição são Marcelo Bertoni e Nilton Pickler. Mais informações pelo telefone: (67) 3255-1615.

WORKSHOP PROMOVIDO PELO SINDICATO RURAL DE CAMAPUÃ OFERECE CONHECIMENTOS SOBRE PRODUÇÃO Produtores rurais com foco na atividade de pecuária de corte e leite do município de Camapuã e região participaram de um Workshop sobre Adubação e Manejo de Pastagens, promovido pelo sindicato rural em parceria com o Senar/MS. De acordo com o presidente do sindicato, Saturnino Silvério Pereira, o interesse dos produtores para absorver as melhores técnicas de adubação e pastagens é resultado da mudança de comportamento na atividade pecuária. “Antes, era comum arrendar pasto para o rebanho e o gasto aumenta bastante com aluguel e frete para transportar os animais. Com a chegada da assistência técnica e iniciativas como esta oferecida pelo Senar/ MS, o empresário percebe que é muito mais rentável plantar e produzir a própria forrageira”, explica. Mais informações pelo telefone: (67) 3286-1168.

EM CAMPO GRANDE, SETORES DISCUTEM GARGALOS DA CADEIA PRODUTIVA DO LEITE É a primeira vez que representantes do Governo do Estado, da indústria e produtores do leite se reúnem para buscar alternativas para alavancar os números do setor lácteo em Mato Grosso do Sul. O “I Workshop do Leite”, realizado em novembro, no auditório do Sindicato Rural de Campo Grande, aconteceu com a finalidade de colocar em discussão os principais gargalos da cadeia produtiva, apresentar diferentes cenários e buscar soluções conjuntas. Os participantes se dividiram em oito painéis de discussões. Os grupos foram formados por membros de toda a cadeia. As propostas elaboradas por cada um foram discutidas e transformadas em diretrizes, que ainda serão documentadas e apresentadas por uma comissão formada no I Worshop do Leite. Mais informações pelo telefone: (67) 3341-2151. famasul.com.br

11


GIRO RURAL SINDICATO DE CASSILÂNDIA PASSA A OFERECER UMA SÉRIE DE SERVIÇOS EM NOVA SEDE CENTRAL O Sindicato Rural de Cassilândia deve inaugurar ainda neste mês de janeiro a sua nova sede central. No local, o presidente, Cilas Alberto de Souza, revela que estarão sendo oferecidos vários serviços aos associados, nas áreas de contabilidade, agronomia e veterinária, entre outros. Ele comenta que a assistência à saúde do produtor também foi melhorada, com convênios médico, odontológico e laboratorial. “Também implantaremos uma central de compras, para que atuando juntos, como uma cooperativa, possamos reduzir os custos das nossas atividades”, concluiu. Mais informações pelo telefone: (67) 3596-1391.

COM NOVAS INSTALAÇÕES, SINDICATO DE CORUMBÁ PROMOVERÁ UM LEILÃO POR MÊS EM 2017 A construção de um novo curral no Parque de Exposições Belmiro Maciel de Barros, em Corumbá, vai possibilitar que a partir deste ano o sindicato rural do município promova leilões mensais, sendo o primeiro já em janeiro. O presidente, Luciano Aguiar Rodrigues Leite, explica que a estrutura, que foi inaugurada em novembro do ano passado, tem capacidade para receber até 2 mil animais. “Essa era uma demanda antiga dos criadores e deve beneficiar principalmente os produtores da região do Paiaguás, que têm muita dificuldade para transportar seu gado”, explica. Mais informações pelo telefone: (67) 3231-9798.

NOVA DIRETORIA DO SINDICATO RURAL DE COXIM DARÁ CONTINUIDADE NOS TRABALHOS DA GESTÃO ANTERIOR O próximo triênio do Sindicato Rural de Coxim será comandado pelo produtor rural, Mario da Fonseca Pires da Silva. “Estou muito feliz com a nova missão. A prioridade agora é fazer o reconhecimento da parte administrativa e atender os produtores em tudo que for possível. Quero alinhar o que já tem sido feito e continuar desenvolvendo o trabalho realizado pela Terezinha Cândido”, afirma o novo presidente fazendo referência à diretora secretária do Sistema Famasul que repassou a gestão. A cerimônia aconteceu no mês de novembro na sede da entidade e contou com a presença do presidente do Sistema Famasul – Mauricio Saito e lideranças rurais. Mais informações pelo telefone: (67) 3291-1453.

12

senarms.org.br


GIRO RURAL SINDICATO RURAL DE DOURADOS ABRE AS PORTAS PARA CAPACITAÇÃO DE TÉCNICOS DO SETOR O Sindicato Rural de Dourados está abrindo as portas para auxiliar na capacitação de mão de obra para o setor. O presidente, Lúcio Damalia, disse que no fim do ano passado foi formada mais uma turma de profissionais no curso Técnico em Agropecuária, oferecido pela Escola Estadual José Pereira Lins, e que teve boa parte das aulas práticas aplicadas na sede da entidade, onde os estudantes puderam conferir, por exemplo, o sistema de cultivo de hortifrutis com o projeto Fazendinha, além de participarem de cursos do Senar/ MS. “Com a tecnificação do setor cresce a procura por trabalhadores capacitados. Com essa ação social esperamos estar colaborando para o desenvolvimento do município e do estado”, ressaltou. Mais informações pelo telefone: (67) 3424-6686.

SINDICATO DE FÁTIMA DO SUL QUER AMPLIAR EM 40% A OFERTA DE CURSOS ESTE ANO O Sindicato Rural de Fátima do Sul pretende ampliar em 40% a oferta de cursos de Formação Profissional Rural (FPR) e Promoção Social (PS) realizados em parceria com o Senar/MS em 2017 em relação a 2016, passando de 50 capacitações para 70. Segundo o presidente da entidade, José Ricardo Casotti, no ano passado 620 pessoas foram atendidas com os treinamentos. “Queremos dar continuidade também ao trabalho de extensão rural com os ATeGs Hortifruti Legal, que tem 15 produtores participantes, e o Mais Leite, que tem 10, e ainda implantar o Agrinho em nosso município”, concluiu. Mais informações pelo telefone: (67) 3424-6686.

INOCÊNCIA CONSTRÓI GARAGEM PARA MÁQUINAS E COMPRA CAMINHÃO PARA ATENDER ASSOCIADOS O Sindicato Rural de Inocência inaugurou em dezembro uma ampla garagem para abrigar veículos e máquinas que atendem seus associados. Também adquiriu um caminhão e encomendou a produção de uma carreta modelo prancha para o transporte desse maquinário. O presidente, Ivan Leal de Paula, explica que esses investimentos na patrulha mecanizada possibilitarão melhorias e ampliarão ainda mais o atendimento que é feito aos produtores do município. “A união em torno do sindicato é fundamental para o fortalecimento da categoria como um todo”, finalizou. Mais informações pelo telefone: (67) 3574-1377.

famasul.com.br

13


GIRO RURAL SINDICATO RURAL DE ITAPORÃ COMEMORA RESULTADOS OBTIDOS COM O AGRINHO O Sindicato Rural de Itaporã está comemorando os resultados obtidos com o programa Agrinho, do Senar/MS, em 2016. O presidente, Otávio Vieira de Mello, parabenizou o município e as escolas por meio de seus diretores, coordenadores, professores e alunos, pelos resultados alcançados no ano passado, tendo, inclusive, um estudante premiado no Concurso Agrinho, com um tablet na categoria Desenho. Ele destacou ainda a importância da iniciativa, que tem a responsabilidade de conectar o campo a cidade, tendo a educação e do conhecimento como principais ferramentas. Mais informações pelo telefone: (67) 3451-1357.

SINDICATO DE IVINHEMA E NOVO HORIZONTE QUER FORTALECER O PRODUTOR DA REGIÃO Trabalhar para o fortalecimento do pequeno, médio e grande produtor com os cursos do Senar/MS e os programas de ATeG. Essa é umas das metas para este ano, segundo a presidente do Sindicato Rural de Ivinhema e Novo Horizonte, Edy Elaine Biondo Tarrafel. “Além disso, queremos estimular o plantio de soja e milho em parceria com a Fundação MS, motivar o Agrinho nas escolas, dar início à obras de adequação para a implantação do projeto de equoterapia e promover encontros com sindicatos para compartilhar ideias e informações”, completou a dirigente. Mais informações pelo telefone: (67) 3442-2002.

SINDICATO DE JARDIM PROMOVE ETAPA MUNICIPAL DO CONCURSO AGRINHO Para estimular ainda mais o envolvimento de crianças e adolescentes nas atividades do programa Agrinho, do Senar/MS, o Sindicato Rural de Jardim criou uma etapa municipal do concurso que premia em âmbito estadual os melhores desenhos e redações dos estudantes e ainda o trabalho de professores e colégios que participam da iniciativa. Duas escolas municipais dividiram os prêmios: tablet, kit multimídia, videogame e notebooks. A Major Alberto Rodrigues da Costa ficou com três e a Zeus Benevides com o de duas categorias. A entrega foi no mês passado. Mais informações pelo telefone: (67) 3251-1907.

14

senarms.org.br


GIRO RURAL SINDICATO DE LAGUNA CARAPÃ ASSUME RANKING DE PRODUTIVIDADE DA FESTA DO PÉ DE SOJA SOLTEIRO O Sindicato Rural de Laguna Carapã assume a partir de 2017 toda a organização do Ranking de Produtividade, que faz parte da programação da tradicional Festa do Pé de Soja Solteiro. Segundo o presidente, João Firmino Neto, a instituição mantém a parceria com a prefeitura na realização do evento, mas assume a incumbência relativa à disputa que aponta a colheita mais produtiva. Na edição deste ano, as festividades serão realizadas na segunda quinzena do mês de abril. Mais informações pelo telefone: (67) 3438-1359.

SINDICATO RURAL DE MARACAJU CELEBRA MARCA DE 4.200 ATENDIMENTOS EM 2016 O Sindicato Rural de Maracaju está celebrando a marca recorde de 4.200 atendimentos realizados em 2016, entre pessoas que participaram de cursos, treinamentos, palestras e programas desenvolvidos em parceria com o Senar/MS e o Sistema Famasul. “É um número excelente, ficou acima do que havíamos previsto e só conseguimos alcançar devido ao trabalho da nossa equipe”, ressaltou o presidente Juliano Schmaedecke. Ele destacou ainda como outro feito da entidade, a formação da primeira turma de alunos da Rede E-TEC. “O nível de excelência dos trabalhos de conclusão de curso apresentados demonstra o quanto o setor ganha com a chegada destes profissionais ao mercado”, avaliou. Mais informações pelo telefone: (67) 3454-2565.

PRESIDENTE DO SINDICATO DE MIRANDA E BODOQUENA PROJETA CENÁRIO DE ESTABILIDADE PARA O AGRO Um cenário de certa estabilidade, em que a agropecuária continuará a ajudar o país a superar o quadro de crise. Dessa forma o presidente do Sindicato Rural de Miranda e Bodoquena, Adauto Rodrigues de Oliveira, analisa o panorama do setor para este ano. Ele comenta que mesmo na adversidade, o segmento, pelas dificuldades que já atravessou em um passado recente e pela sua potencialidade, tem mais condições de se recuperar rapidamente e retomar a sua trajetória de crescimento. Mais informações pelo telefone: (67) 3242-1266.

famasul.com.br

15


GIRO RURAL SINDICATO DE NAVIRAÍ MARCA PRESENÇA EM CONSELHOS DE ÁREAS DE PROTEÇÃO E PARTICIPA DE LEILÃO O Sindicato Rural de Naviraí representou o produtor rural do município nas reuniões dos conselhos consultivos dos parques Nacional de Ilha Grande e Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema, realizadas em dezembro do ano passado. Além disso, conforme o presidente, Yoshihiro Hakamada, participou ainda de uma grande mobilização para o 13º Leilão “Direito de Viver”, que foi realizado no município em favor do Hospital de Câncer de Barretos. Paralelo a essas atividades, seguiu com a programação de cursos do Senar/MS e recebeu uma etapa do Circuito Aprosoja/MS. Mais informações pelo telefone: (67) 3461-2195.

SINDICATO RURAL DE NOVA ALVORADA DO SUL DESTACA IMPORTÂNCIA DO AGRINHO O Sindicato Rural de Nova Alvorada do Sul ressaltou no encerramento de atividades do ano passado a importância do programa Agrinho para o município e o Estado. Segundo a presidente, Telma Menezes de Araújo, a iniciativa do Senar/MS e Sistema Famasul, possibilitou que os alunos do ensino fundamental das escolas públicas conseguissem entender a ligação do campo e da cidade, por meio da discussão nas salas de aula de uma série de temas. “O evento de encerramento do programa, com a premiação do concurso veio coroar todo o trabalho feito durante o ano. A expectativa agora é pela edição 2017”, ressaltou. Mais informações pelo telefone: (67) 3456-1733.

EM 2017, SINDICATO DE NOVA ANDRADINA QUER DOBRAR NÚMERO DE TREINAMENTOS OFERECIDOS O Sindicato Rural de Nova Andradina encerrou o ano de 2016 celebrando a realização de 40 cursos em parceria com o Senar/MS. O número, conforme o presidente, Hemerson Israel dos Santos, é mais que o triplo do promovido em anos anteriores. Entretanto, ele e sua diretoria estabeleceram uma meta ainda maior para este ano, dobrar a quantidade de treinamentos. “No ano passado, somando os cursos e as participações em programas como o Mais Leite, Soja Plus, Hortrifruti Legal, ABC Cerrado e Pingo D’Água, conseguimos atender cerca de 700 pessoas. Em 2017 queremos mais, passar das mil pessoas atendidas e para isso vamos intensificar o trabalho principalmente com os assentamentos”, revelou. Mais informações pelo telefone: (67) 3441-1014.

16

senarms.org.br


GIRO RURAL SINDICATO RURAL DE PONTA PORÃ ACELERA PREPARATIVOS PARA EXPOSIÇÃO AGROPECUÁRIA O Sindicato Rural de Ponta Porã está acelerando os preparativos para a 43ª edição da Exposição Agropecuária do município, a Exporã, que será promovida no início de março. O presidente, André Cardinal Quintino, explica que neste ano o evento terá uma participação ainda maior do Senar/MS, com destaque para ações envolvendo os programas de Assistência Técnica e Gerencial (ATeGs), como o Mais Leite, Hortifruti Legal e Piscicultura, além de outras iniciativas desenvolvidas em parceria com a entidade, como o ABC Cerrado e o Agrinho. Mais informações pelo telefone: (67) 3433-3189.

SINDICATO RURAL DE RIBAS DO RIO PARDO INAUGURA SALÃO DE FESTAS EM SUA SEDE O Sindicato Rural de Ribas do Rio Pardo inaugurou no fim do ano passado o salão de festas de sua sede. O evento que marcou a abertura do espaço foi a confraternização de fim de ano dos associados. O presidente, Robson Velos Ribeiro, lembrou que a obra demorou cinco meses e que a expectativa agora é que a estrutura possa ajudar a reforçar o caixa da instituição. “Poderemos locar o espaço, o que vai aumentar a arrecadação de recursos, possibilitando o investimento em outras áreas, projetos e ações”, avaliou. Mais informações pelo telefone: (67) 3238-1395.

SINDICATO RURAL DE RIO NEGRO FECHA PROGRAMAÇÃO DE 2016 COM LEILÃO E CAVALGADA Um leilão de confraternização e uma cavalgada que reuniu mais de mil pessoas. Essas duas atividades encerraram a programação do Sindicato Rural de Rio Negro em 2016. Os eventos, conforme o presidente, Henrique Mitsuo Vargas Ezoe, foram um sucesso e servem de motivação este novo ano. “A expectativa agora é fazer uma exposição agropecuária ainda melhor do que a do ano passado e aproximar ainda mais o sindicato dos produtores, porque tenho certeza de que este ano deve ser positivo para a agropecuária do Estado e do País”, analisou. Mais informações pelo telefone: (67) 3278-1011.

famasul.com.br

17


SÃO GABRIEL DO OESTE COMEMORA O FORTALECIMENTO DOS SINDICATOS DA REGIÃO NORTE A diretoria do Sindicato Rural de São Gabriel do Oeste ao fazer um balanço da gestão em 2016 aponta que foi um ano de muito trabalho e com várias conquistas, apesar das inúmeras dificuldades. Um dos principais avanços, conforme o presidente, Julio César Bortolini, foi na ampliação significativa do número de cursos de aprimoramento e aperfeiçoamento de mão de obra, promovidos em parceria com o Senar/MS. Outro fato relevante, de acordo com ele, foi a união e o fortalecimento das entidades da região norte do setor, que juntas têm uma representatividade ainda maior na luta pelos anseios dos produtores e da população. Mais informações pelo telefone: (67) 3295-1663.

SINDICATO DE SIDROLÂNDIA REELEGE DIRETORIA, DOA EQUIPAMENTOS E FAZ 108 CURSOS NO ANO O Sindicato Rural de Sidrolândia encerrou 2016 com várias atividades. Reelegeu para o triênio 2017/2019 a diretoria presidida por Rogério de Menezes e fez uma doação ao Corpo de Bombeiros do município de um soprador e uma motosserra, que serão utilizados principalmente no combate a incêndios. Além disso, a entidade contabilizou no ano passado 108 cursos promovidos em parceria com o Senar/MS e pretende ampliar esse número para pelo menos 125 neste ano. Outro dado importante para o setor comemorar foi o aumento da área cultivada com soja de 184 mil hectares da safra passada para 190 mil hectares na atual. Mais informações pelo telefone: (67) 3272-1131.

PARTICIPAÇÃO DOS PRODUTORES GERA RESULTADO, AFIRMA PRESIDENTE DO SINDICATO RURAL DE TRÊS LAGOAS Durante a confraternização do Sindicato Rural de Três Lagoas, o presidente da entidade, Marco Garcia, falou sobre as conquistas, as parcerias e agradeceu o apoio da Câmara Municipal. "A aproximação dos produtores rurais com o sindicato é fundamental para conseguirmos resultados positivos. Estamos fazendo assembleias de prestação de contas e de orçamentos. Tivemos outra conquista junto ao governo do Estado e outras entidades, que foi o asfaltamento da MS 320. Outra foi a retificação do ITR junto ao poder público por meio de uma pesquisa de real preço”, reforça. Outra iniciativa é a regularização de uma área do Sindicato. “A regularização do Parque de Exposições é uma realidade. Foi um trabalho de vários anos e de muitas gestões”, conclui. Mais informações pelo telefone: (67) 3521-4049.

18

senarms.org.br


Informativo Sistema Famasul - Edição 10 / 2017  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you