Page 1

2017-2018 #13

arte e aventura em janeiro


Publicação #13 Dez. 2017 - Fev. 2018

Associação MiratecArts tem por finalidade realçar o indivíduo, a equipa e a produtividade organizacional no mundo da cultura artística. Entre os vários projetos, MiratecArts lidera seis festivais abertos ao público e a propostas de artistas: Montanha Pico Festival, Visitarte - o festival de artes em casas rurais, Azores Fringe Festival, Festival Cordas, Azores Birdwatching Arts Festival e o AnimaPIX.

MiratecArts is an association created to enhance individual, team and organizational productivity in the artistic cultural world. Amongst the many projects, MiratecArts manages six festivals open to public and artists proposals: Montanha Pico Festival, Visitarte - the arts festival in rural homes, Azores Fringe Festival, Cordas World Music Festival, Azores Birdwatching Arts Festival and AnimaPIX.

MiratecArts www.mirateca.com info@mirateca.com (+351) 963 639 996


6 anos promovendo os Açores com arte e artistas Bem vind@s ao sexto ano de atividades MiratecArts nos Açores. Desde a criação da plataforma www.discoverazores.eu, em 2012, até esta revista, que tem nas suas mãos, mais de 1200 artistas de 56 países já passaram pelas nossas ilhas em programas da associação. O Montanha Pico Festival apresenta aqui a sua quarta edição, dando luz a 2018, ano que muito promete no desenvolvimento dos vários projetos anuais e ainda algumas surpresas, que se pretende ver nascer ao longo dos próximos meses. O Cantinho das Suculentas e o Mundo das Tillandsias são apenas algumas das novidades na MiratecArts Galeria Costa e que vos convidamos a alimentar. Desfrute da programação, participe com as suas ideias, ajude da forma que puder. A arte vale a pena! Welcome to the sixth year of MiratecArts activities in the Azores. From the creation of the platform www.discoverazores.eu in 2012, to this magazine you're holding in your hands, more than 1200 artists from 56 countries have passed through our islands via our programs. ]¥–=ž߀¾¥€O¨ŒÅ!–×ߨ嘆·ז–¨ßןÅäÓߥ–’¨ß¨Å¾¥–Ó–Ŕµ¨Œµ¨¾ ÅċĤĢģĪŔ€ year that promises a lot in the development of various annual projects, and ׎–×äÓÐӨז×ßÅÅ€Ó––ôЖŒß–’ßÅĒÅäӨץ¨¾ߥ–ŒÅ½¨¾ ½Å¾ß¥×ś The Corner of the Succulents and the World of Tillandsias are just some of the novelties at MiratecArts Galeria Costa that we invite you to feed through your participation. Enjoy our programming, get involved with your ideas, and help in any way you can. Art matters! Terry Costa diretor artístico * artistic diretor MiratecArts

Pico por Ermelindo Ávila O Pico. A Ilha onde nasci, vivi os primeiros anos e, depois, os anos mais que Deus me tem dado. Mas nunca deixei de viver no Pico, quer estivesse ausente por dias, semanas, meses ou anos. É uma ilha que está sempre presente no meu espírito, no melhor do meu ser. Mesmo ausente da terra, os seus projectos, os seus problemas, as suas iniciativas, o seu progresso vivem comigo. Recordo os meus anos de juventude, cujos estudos me afastaram meses seguidos da terra. Como era enleante subir aquele ½€ ¾ªĖŒÅ½Å¾ß–Òä– defende a cidade e ver ao longe o pico do Pico. Que nostalgia… que saudades da terra. Que desejos tinha de atravessar o mar imenso que nos separava e vir somente, por um instante que fosse, pisar as "pedras negras" do Pico. Ainda agora é a soberba montanha que, ao amanhecer, vigio da minha janela, para que me indique o estado do tempo que vamos ter. E lá no alto, no cimo do pico do Pico vejo a ’¨Ó–Œ‰Å’€×¾ä×ƠÅ×Ӗė–ôÅ×’ÅVÅ· nascente… as nuvens encapeladas… tudo indicativo do tempo que vamos ter... E o poente do Astro Rei?!...

Deixem-me que escreva, hoje, prosa solta, talvez sem nexo, somente para exaltar a beleza maravilhosa deste Pico que um dia remoto, que a História não registou, –½–Ó ¨ä’€×׀·×€×ž’€×ЀӀĖŒ€Ó¾Å½–¨Å deste Atlântico. O marinheiro e o agricultor, de madrugada, quando saíam do leito e espreitavam o tempo para um novo dia de trabalho, era pelo rodar das nuvens ao redor da montanha, que sabiam o tempo que os esperava: lã crameada, chuva grada; raivas no poente, coze massa e mete gente; raivas no nascente, toca os bois e anda sempre. E tantos mais que a sabedoria popular criou e utilizou durante tantas décadas... Mas o Pico é mais do que o barómetro natural que os naturais sabem observar e “ler”. É, igualmente, inspiração poética para muitos que deixaram, ao redor dos tempos, poemas maravilhosos que, ainda hoje, são o encanto de quantos nele se inspiram. Recordo Manuel de Arriaga (não discuto, por agora, a naturalidade, e podia fazê-lo…) amante do seu Pico, como tantos outros e recordo somente o saudoso Doutor José Enes, (1) com o excelente poema ao Pico, que outro saudoso picoense, o maestro Emílio Porto, inspiradamente musicou. (continua na pág. 4>>>)


Pico por Ermelindo Ávila cont.>>> Fico-me pelos poentes outonais que os pintores estrangeiros e vários são os que por aqui têm passado, aproveitam para deixar impressões em suas telas artísticas. Nunca subi à maravilhosa montanha. Um dia, por acaso, em que tive a ventura de viajar num avião da SATA, ao aproximar-se do Pico, uma hospedeira de bordo anuncia que o Comandante ia mostrar aos passageiros um espectáculo inédito: O pico do Pico. E fê-lo de maneira distinta - fazendo o avião circular sobre o “eirado” e dando a volva ao Pico. Naturalmente, nós os passageiros que viajávamos da ]–ÓŒ–¨Ó€ЀӀÅ!€¨€·ƟĖŒ½Å×½€Ó€î¨·¥€’Å׌ŽŠespectáculo que não mais se me foi dado apreciar. Ao longe, a Terceira, e depois: a Graciosa, São Jorge, o Faial e o Pico… a nossos pés. Noutra ocasião, e foi só, Minha Mulher, de saudosa memória, e eu, viajávamos quase madrugada ainda, de São Miguel para o Pico. Ao aproximar-se o avião da Ponta da Ferraria, quando se preparava para deixar S. Miguel e sobrevoar o Atlântico, Minha Mulher chama-me a atenção para o que via no horizonte, a Oeste: O Pico ’ÅO¨ŒÅƟä½ßÓ¨ƒ¾ ä·Å‹–½’–Ė¾¨’Å×ŋӖÅDŒ–€¾ÅƦ Uma maravilha que desapareceu quando a aeronave fez rumo à Terceira. Depois só vim a descobrir entre nuvens o meu Pico, quando me aproximava da minha ilha. Fenómenos maravilhosos! Fenómenos que não se repetem…

Montanha do meu destino por José Enes

Nelson Silva Photo

Montanha do meu segredo Montanha do meu destino Tocaste-me com um dedo Imprimindo em mim um signo Quando me viste nascer Montanha da minha dor Montanha do meu chorar Olhaste-me com amor Com um fundo e puro olhar Quando me viste nascer Montanha dos meus desejos Da minha louca ambição Encheste-me a alma com beijos Do fogo do teu vulcão Quando me viste nascer Montanha da minha sorte Oh génio do meu viver Encomenda-me na morte Quando me vires morrer


EVENTOS 2017/2018 11 de dezembro 16h30 Dia Internacional da Montanha GARE MARÍTIMA DA MADALENA:

até 1 de janeiro elements by Pieter Adriaans Casa das Tisanas, São Roque do Pico

janeiro - várias localidades Montanha Pico Festival ILHA DO PICO

17 de dezembro 15h Grupo de Cordas Ilha Negra Casa Manuel de Arriaga - MUSEU DA HORTA

até 27 de janeiro Exposição Martim Cymbron Pinturas Biblioteca Pública da Horta

1 a 4 de março Festa do Vime Santa Maria

21 de dezembro 21h00 O Dia Mais Curto AUDITÓRIO DA MADALENA

Aberta 24horas MiratecArts FOTO_GALERIA Edifício dos Bombeiros da Madalena

8 de maio ZAPE - Dia do Burro Graciosa

até 30 de dezembro Exposição (IN)ventadas de Raquel Vila Arisa ATLÂNTICO TEAHOUSE

1Km de arte na natureza MiratecArts Galeria Costa Freguesia da Candelária

25 de maio a 30 de junho Azores Fringe Festival 9 ilhas dos Açores

Grupo De Cordas Ilha Negra

Pieter Adriaans

Raquel Vila Arisa


? ARTE CONTEMPORĂ‚NEA Noite de Cinema sexta 29 dezembro 21h AuditĂłrio da Madalena O Quadrado | Ruben Ă–stlund | 142´ | SuĂŠcia, Dinamarca | 2017 Christian ĂŠ o respeitado curador de um museu de arte contemporânea. A sua prĂłxima exposição ĂŠ uma instalação que pretende evocar o altruĂ­smo em quem a vĂŞ, recordando-nos o nosso papel enquanto seres humanos responsĂĄveis pelos nossos congĂŠneres. Relaçþes PĂşblicas do museu criam uma campanha inesperada criando uma Ă“Â–Â€ÂŒÂ?‰Å¨žė€½€’€Òä–¡€žÂ?€¼Ó¨×Ă&#x;¨€žĆ&#x;‹–½ÂŒĂ…½ÅÅĂ?ÓÆĂ?½äזäĆ&#x; numa crise existencial. “Uma experiĂŞncia original, visceral, desconfortĂĄvel e essencial.â€? - Screen International “Uma comĂŠdia negra que atinge o mundo da arte moderna. Salta Ă vista um humor glacial que satiriza as performances modernas, o marketing digital e os discursos de feminismo consensuais.â€? - DiĂĄrio de NotĂ­cias

VENCEDOR: Palma de Ouro, Festival de Cannes

Televisão e o Mundo da Arte såbado 30 dezembro 10h MiratecArts Galeria Costa inscriçþes atÊ dia 29 atraves de info@mirateca.com ou 963 639 996

pink season by tc domingo 31 dezembro 19h Galeria A Brasa / Brasa Restaurante Madalena (ao lado do Hotel Caravelas) Ă—Ă&#x;–Ė½ƞ’–ƞז½€ž€Ć&#x;€Â–ÂžÂŒÂ–Ă“Ă“Â€Ă“Ă…Ò䨞Ă&#x;Ă…€žÅ de programação da MiratecArts nos Açores, a associação questiona a arte contemporânea, ao mesmo tempo que a abraça. Hoje abrimos a exposição mais controversa de sempre, mesmo ainda antes de ser apresentada ao pĂşblico. Venha celebrar a passagem de ano em "pink". PrĂŠmios para quer trouxer algum acessĂłrio ou roupa da cor temĂĄtica.

Diretor artĂ­stico da MiratecArts, Terry Costa, lidera uma caminhada pela MiratecArts Galeria Costa, apresentando um trabalho sobre programas televisivos e a forma que retratam o mundo da arte. ¡ äž×–ô–½Ă?¡Å×Ć&#x;ÂŒÂˇÂ€Ă—Ă—Â¨Ä–ÂŒÂ€Â’Ă…Ă— entre os mais ridĂ­culos atĂŠ a alguns totalmente realistas sĂŁo apresentados em conversa no meio da natureza. Aqui os "clips" sĂŁo a nossa imaginação.


CALENDÁRIO Terças de Cinema 2, 9, 16, 23 e 30 pelas 21h00 Museu dos Baleeiros Abertura Exposição: O Mundo nas Montanhas Montanha Encantada + coletiva quarta 3 jan 12h00 Câmara Municipal da Madalena Abertura Exposição: Montanhas do Mundo quinta 4 jan 19h00 Atlântico Teahouse, Areia Larga Tarde de Chá + Encontro de Tricô Abertura Exposição: Tibete, na sombra do teto do mundo domingo 7 jan 15h00 Edifício dos Bombeiros Voluntários da Madalena Abertura Exposição: Recantos da Ilha do Pico quinta 11 jan 19h00 Casa das Tisanas. São Roque do Pico

Encontro de Gaita de Foles 12 a 14 janeiro

Celebração dos 300 anos das erupções dos “mistérios” de Santa Luzia e São João (1718)

Concerto Gaita de Foles Sexta 12 jan 21h00 Auditório da Madalena

Caminhada dos Vulcões Domingo 28 janeiro 15h Casa da Montanha

Subida ao Pico Sábado 13 jan 08h00 Casa da Montanha

Abertura Exposição: Mistérios de Fogo Quarta 31 jan 18h Centro de Interpretação da Paisagem da Cultura da Vinha do Pico – Lajido de Santa Luzia

Chá na Montanha Domingos 14 e 21 às 15h Climb Every Mountain 19 a 21 janeiro Do Mar à Montanha Sábado 27 jan 09h00 e 14h00 MiratecArts Galeria Costa !ÅߊӀĖ€>ŌßäÓ¾€ sábado 27 jan 21h Atlântico Teahouse - Areia Larga

1 de fevereiro Parque Florestal de Santa Luzia (atividades com escolas) 2 de fevereiro Parque Florestal de São João (atividades com escolas)


EXPOSIÇÃO

EXPOSIÇÃO

Nelson Silva (Faial, Açores)

Lenny Lima (Alagoas, Brasil)

Gare Marítima da Madalena 11 dez. 2017 até 1 fev. 2018 - aberto diariamente

ƒ½€Ó€=侨Œ¨Ð€·’€=€’€·–¾€ ŭ²€¾Ʀ€ūŸ–îƦŬŪūŲƾ€‹–ÓßÅז ƾזô’€×Ūų¥…×ūű¥–’¨€×’––î–¾ßÅ×

A Montanha do Pico

Montanha Encantada

l–¾Œ–’ÅÓ’ÅžŒäÓ×Å’–!ÅߊӀĖ€=ž߀¾¥€ƴO¨ŒÅŬŪūűƵƟ>–·×žV¨·î€² î¨äזäßӀ‹€·¥ÅזÓ€ÐӖז¾ß€’žä½ז·Å’€!¨·€ß–·¨€’€R–Ð䋷¨Œ€ OÅÓßä ä–×€Ɵ–¾ßӖÅäßÓÅ×Ðӗ½¨Å×’–ŸÅߊӀĖ€ƦÒ䨀ÐӖז¾ß€€×ä€î¨×‰Å ’ÅОߎ€¨×€·ßÅ’–OÅÓß䠀·Œ€Ð߀’ÅЖ·€×䀽Ò䨾€Ʀ

ßӀî—×’–¨·ä×ßӀ‰Å–€ŒÅ¾×ßÓ䏉Å’–佽侒Ŗ¾Œ€¾ß€’ž€×½Å¾ß€¾¥€× ŒÓ¨€’€×ƟÅ€Óߨ×߀€ÐӖז¾ß€Œ–¾Ó¨Å×Жӟ–¨ßÅ×ЀӀŒÅ¾ßÅ×Åäߖ€ßÓÅזÓ ’–×–¾îŷÅƦäÓ×Åä'¨×ßÆÓ¨€’€Óߖ¾Å*¾×ߨßäßÅR¨Œ€Ó’Å Ӗ¾¾€¾’–½R–Œ¨Ÿ–Ɵ —O䋷¨Œ¨ßÓ¨Å–€Óߨ×߀î¨×䀷ӖÐӖז¾ß€’ÅЖ·€ €·–Ó¨€bӋ€¾Óß×ƦOӗ½¨Å× ¨¾Œ·ä¨ūĤ·ä €Ó¾€Œ€ß– ÅÓ¨€’–×–¾¥Å¾ÅŬųĤV€·‰Å’–Óߖ×’€=€Ó¨¾¥€ (Maceió/AL).


EXPOSIÇÃO O Mundo nas Montanhas Câmara Municipal da Madalena 3 jan. a 1 fev. 2018 - aberto seg-sex das 09h às 17h e dias de eventos ôÐÅר‰ÅŒÅ·–ߨÅ×ŰŪז½¨ƾĖ¾€·¨×߀×’ÅžŒäÓ×Å’–!ÅߊӀĖ€=ž߀¾¥€ŬŪūŲƦ

Abdul Razaq Vance (Pakistan) Abedin Mohammadi (Iran) Abolfazl Aryanfar (Iran) ’½!ß¥ƴ'ä¾ €ÓõƵ Adusyanti Chatterjee (India) Ahmed Mosaad Elsakhawy (Egypt) ·–€¥!¨ßúï€ß–ÓƴbVƵ Alireza Tabibiyan (Iran) Alvi Rahman (Nepal) Azim Khan Ronnie (Bangladesh) Babak Mehrafshar (Iran) –¾²€½¨¾5·ÅÓ½€¾¾ƴVï¨ßú–Ó·€¾’Ƶ ÅäÓß¾–õӀ¾–ƴ"ƟbVƵ ר··€]ÅÓ¾€··õ€õƴ'ä¾ €ÓõƵ Danny Bach (Vietnam) €õ–¾'䀾 ƴ]€¨ï€¾Ƶ ½½€5€Ģ€¾ƾ·äŒµ–Ó½€¾ƴDRƟbVƵ Ó¨Œ!¨×¥–ÓƴbVƵ Es`hagh Aghaei (Iran) !€‹Ó¨Œ¨ÅD‹·²ä‹–µƴ×Ѐ¾¥€Ƶ !€Ó¥€’R€×¥î€¾’ƴ*Ӏ¾Ƶ !¨·¨Ð–O€ßÓŌª¾¨ÅƴOÅÓß䠀·Ƶ "€‹¨Ožߖ×ƴV‰Å=¨ ä–·ƟÅӖ×Ƶ "€‹Ó¨–· Óä×µÅĐƴ7ƟbVƵ '€’¨×=€·–µ¨ƴ*Ӏ¾Ƶ '€ú¥¨Ó €¥½€¾¨ƴ*Ӏ¾Ƶ 3€Ó–’'¨Ó׌¥Ė–·’ƴ!7ƟbVƵ João Coutinho (Portugal) José Rosário (Portugal) Juan Obando (Colombia)

Kalyan kr Mallick (India) 7Åä¨×"ä–ӽž’ƴRŽ€¾¨€Ƶ 7õ¾¾!Åߥ–Ó¨¾ ¥€½ƴb5Ƶ Maria Bondar =€Ó–··€ƴ!Ӏ¾Œ–Ƶ =€ß¥–ä×'ŋŷ’VÅî–Ó¾¨ Åƴ Ӏר·Ƶ Midou Dambri (Algeria) Milad Karamooz (Iran) Mikhail Kapychka (Belarus) =ťז¾!€Ó²€½¨ÐäÓƴ*Ӏ¾Ƶ =ÅÓߖú€R€Ėµ¥€¥ƴ*Ӏ¾Ƶ D½€Ó¨>ÅÓ½€¾ƴ=*ƟbVƵ O€¨ –7¨Ð×µõƴ"ƟbVƵ Parisa Rahimi (Iran) Partha Chakraborty (Jalpaiguri) O–’ÓÅ"äߨ–ÓӖúƴƟbVƵ Pyae Phyo Thet Paing (Myanmar) Ramin Babaee (Iran) Reza Isapour (Iran) Robin Yong (Australia) V€·€ÓÓµ€¾ƴ*Ӏ¾Ƶ V€½'–õ’ßƴ*Œ–·€¾’Ƶ V€õ’=ÅÓߖú€V€’Ó¨ƴ*Ӏ¾Ƶ V¥–Ó¨l€¾’–ӽŷ–¾ƴƟbVƵ V¨½€R€²€–¨Ӌ€‹¨ƴ*Ӏ¾Ƶ VӒ²€¾lä²½¨·ÅƴR–Ð䋷¨µ€VÓÐ×µ€Ƶ V䲀¾V€Óµ€Óƴ*¾’¨€Ƶ ]¨€3Å¥¾×žƴVï¨ßú–Ó·€¾’Ƶ bµäVÈÈßƴ×ßž¨€Ƶ lªŒßÅÓ'ä Å€×¨··€×RŽÅƴ=–ô¨ŒÅƵ

ž Ӏß䷀ߨž×ßÅ€··Ʀ]¥€¾µ×ŸÅÓõÅäÓЀÓߨŒ¨Ð€ß¨Å¾Ʀm¨¾¾–Ó×嘆·‹–ŒÅ¾ß€Œß–’ŸÅӌžߨ¾ä€ß¨Å¾şÐÓŲ–ŒßÐÓÅÐÅ׀·€¾’ЀÓߨŒ¨Ð€ß¨Å¾ï¨ß¥=¨Ó€ß–ŒÓßר¾O¨ŒÅ¨×·€¾’ƟúÅӖ×Ʀ

=Åä¾ß€¨¾¥¨·’‹õƞV€·€ÓÓµ€¾ƴ*Ӏ¾Ƶ

Dî–ÓŬůŪ¨½€ –ןӎ€··ŒÅÓ¾–Ó׺ߥ–ïÅÓ·’ï–Ó–×䋽¨ßߖ’ŸÅÓߥ–ŬŪūŲ=Åä¾ß€¨¾O¥ÅߊӀХõžߖ×ßƦ]¥–ŰŪז½¨ƾĖ¾€·¨×ß×Ɵ¾Å慨–ô¥¨‹¨ß¨Å¾€ßߥ– =ž߀¾¥€O¨ŒÅ!–×ߨŬŪūŲƟ¨¾Œ·ä’–¨½€ –ןӎÅî–ÓůŪӖ ¨Å¾×şߥ–ïÅÓ·’ŸÓŽߥ–ŸÅ··Å慨 Ð¥ÅߊӀХ–Ó×ƞ


terça 2 jan 21h00 Museu dos Baleeiros Lady MacBeth | William Oldroyd | 89´ | Reino Unido | 2017 Inglaterra rural, 1865. Katherine vive oprimida pelo seu casamento de conveniĂŞncia com um homem azedo com o dobro da sua idade e pelo pai deste, um homem frio e impiedoso. Quando se envolve com um jovem trabalhador da propriedade, sente libertar-se dentro de si uma força ½ÅžĂ&#x;€ž¼Å׀Òä–ž€’€€’–Ă&#x;–Ó Ă?€Ó€ÂŒĂ…ž×– ä¨ÓÅÒä–’–×–²€ƌDĖ¡½–— ¨ž×Ă?¨Ó€’Åžä½ÂŒĂ…žĂ&#x;Ă…Â’Ă…Ă—Â—ÂŒĂ¤ÂˇĂ…r*rĆ&#x;7€’þ=€Œ‹–Ă&#x;ÂĽĂ…Â&#x;=Ă&#x;זž×¾¨×Ă&#x;Ă“Â¨ÂŒĂ&#x; ’–>¨¾Å¡€¨7–×¾ÅÎĆ&#x;Ă?Ă…Ă—Ă&#x;–Ó¨ÅÓ½–žĂ&#x;–€’€Ă?Ă&#x;€’ÅĂ?€Ó€佀ÆĂ?–Ó€Ć&#x;ä½ӖĂ&#x;ӀĂ&#x;Ă… trĂĄgico de uma jovem bela e decidida, mas contudo implacĂĄvel, que quer conquistar a sua independĂŞncia num mundo dominado por homens. Ĺ&#x;*½€ ¨ž–ųז¡Â&#x;Ӗ’'¨Ă&#x;ÂŒÂĽÂŒĂ…ÂŒÂľ€Ӗ€¡¨ú€ÓD=ŞĂ&#x;–Â’Ă…Ă—l–ž’€Î€¨×–Ä‘ÂŒÂ€ĹłĂ—Â–ÂŒĂ…Â˝佀 ideia deste tenso drama de ĂŠpoca realizado por William Oldroyd" – Indiewire Ĺ&#x;!ÂˇĂ…Ă“Â–ÂžÂŒÂ–Oä ¼ӖΖ¡€ųזä½ Ó€ž’–Ă&#x;€¡–žĂ&#x;Ă…ž–×Ă&#x;€¨½Ă?Ӗ×רŞ€žĂ&#x;––’äӀĂ&#x;Ӏ —’¨€ vitoriana" – Variety Ĺ&#x;b½€×Ă&#x;Ӗ΀×Â’Â–ÂˇÂ¨ÂŒÂ¨Ă…Ă—Â€Â˝Â–ÂžĂ&#x;–€½ÅӀ¨×ÂŒĂ…Â˝ä½ӖΨ ÅӀžĂ&#x;–€×Ă?–ŒĂ&#x;Ă…Ψ×䀡ŊśśśŪ¼–¨Å ’–×ä‹Ă&#x;¨×Ă?Ӏú–Ó–×ŔĂ&#x;ӀĂ&#x;€ųז’–佀–×Ă&#x;Ӗ¨€½Å’–×Ă&#x;€½€×¨½Ă?Ӗ×רŞ€žĂ&#x;–Ĺ&#x;Ų]¼– Hollywood Reporter


EXPOSIÇÃO

EXPOSIÇÃO

Manoel Costa (Pico, Açores)

Davide Sousa (Madeira/Pico)

Atlântico Teahouse abertura: quinta 4 jan 19h00, patente até março

Casa das Tisanas, São Roque do Pico abertura: quinta 11 jan 19h00, patente até março

Montanhas do Mundo

A telha regional ou telha da Graciosa é uma constante nos nossos telhados apesar da modernização e das novas técnicas de construção. Tendo sido substituída encontra-se ao abandono em vários sítios. O artista apresenta um conjunto de telhas utilizando técnicas mistas variadas.

Recantos da Ilha do Pico

Davide Sousa Photography. O seu trabalho não é movido pelo preciosismo da técnica mas pela atmosfera que proporciona ao observador na escolha dos motivos. O fotógrafo apresenta alguns cenários envolvidos em uma névoa de sonho, pequenos esconderijos para o repouso da vista. A sua lente convida o observador menos atento a descobrir as delicadezas dos locais fotografados.


OSMOSE - corpo em interação com a montanha residência artística com Ana Carolina Teibão Graça Ochoa Helena Mancelos (Porto / Lisboa) ƦƦƦ€ßӀî—גŌž߀ŒßŪ¾ß¨½ÅŒÅ½€½Å¾ß€¾¥€Ɵ’¨î–Ó׀×·¨¾ 䀠–¾×€Óߪ×ߨŒ€×׉Å–ôзÅӀ’€×ƾ’–×–¾¥ÅƟШ¾ßäӀƟЖӟÅÓ½€¾Œ–Ɵ–ÅƟŸÅߊӀĖ€ƦƦƦ >€ßäӖú€–Åз€¾–߀–×߉Å€î¨î–ӽŽ–¾ßÅ×’–’–×€ĖÅ×¾€ßäӀ¨×ƟÒä–זӖė–ß–½¾€×½Å¾ß€¾¥€×ƦŸä¾’€½–¾ß€·dž½–·¥ÅӀÓ€Ò䀷¨’€’–’–€–×ä×ߖ¾ß€Ó€½‹¨–¾ß–× ׀䒁×¾€×Ӗ ¨Î–×’–½Å¾ß€¾¥€’Ž侒ÅLJƟ€ÐӖ¾’–Ó½Å×€Ӗ·€Œ¨Å¾€Ó½Åƾ¾Å×– –Ó€Ó½Å×ÅäßӀןÅÓ½€×’–ŒÅ¾ß€ŒßŌŽ€¾€ßäӖú€–ŒÅ½€½Å¾ß€¾¥€Òä– possibilitem um renascimento e uma nova simbiose. Contrariando a tendência de €‹€¾’ž€Ó€½Å¾ß€¾¥€€Òä–€×ר×ߨ½Å×ƟÐÓÅÐŽÅƾ¾Å×€¥€‹¨ß€Ó€½Å¾ß€¾¥€Ʀ Apresentações públicas a determinar durante o festival.


EXPOSIÇÃO Carlos Brum Melo (São Miguel, Açores)

Tibete, na sombra do teto do mundo MiratecArts Foto_Galeria Edifício dos Bombeiros Voluntários da Madalena Abertura: domingo 7 jan 15h00 aberto 24 horas ßӀî—×’–×ߖ–¾×€¨ÅŸÅߊӁĖŒÅƟÅ€äßÅӌž€€佀²ÅÓ¾€’€–¾ßӖ7¥€×€– Rongbuk (campo base do Evereste), que percorre a ancestral ligação do budismo ao povo tibetano até à inquietante relação política atualmente vigente, entre este povo e a República Popular da China. A montanha está sempre presente, surgindo de forma evidente sob diversas representações.

Projeto Tricô domingo 7 jan 15h00 Edifício dos Bombeiros Voluntários da Madalena É uma tarde de chá diferente - um convívio, hora de aprendizagem e partilha. O Projeto Tricô abraça todas as pessoas que desejam participar, ou aprender, ensinar ou apenas apreciar os trabalhos. Construir a boneca PICAROTA - tens ideias ou desejas de participar neste projeto? Hoje é um bom dia para avançarmos a ideia...

Diogo Jácome Correia (São Miguel, Açores) residência artística Carlos Brum Melo nasceu nos Açores, é licenciado em Direito e mestre em Relações Internacionais, com estudos paralelos na ŸÅߊӀĖ€’Ō佖¾ß€·Ɵ¥ä½€¾¨×߀–’– –½Ʀ Com trabalhos sobre o Nepal, América Central, Japão e Marrocos, procura contribuir para mudanças globais com pequenos gestos locais, através de mensagens que advogam a defesa dos direitos humanos.

Diogo é um Arquitecto Paisagista, sediado no Arquipélago dos Açores, desenvolvendo projetos de espaços exteriores, tanto públicos como privados. Fez os seus estudos na Universidade de Évora e começou a sua €ß¨î¨’€’–ÐÓÅĖ×רž€·–½7¨×‹Å€Ʀ¾ß–×’– regressar à sua terra natal ainda passou pela Bélgica onde colaborou em diversos projetos de paisagismo.


terça 9 jan 21h00 Museu dos Baleeiros Na Via Láctea | Emir Kusturica | 125´ | Sérvia/Reino Unido/EUA | 2016 Primavera em tempos de Guerra. Todos os dias, o leiteiro atravessa a fronteira de burro, lançando balas para levar as suas preciosas mercadorias aos soldados. Abençoado pela sorte na sua missão, amado por uma bonita aldeã, um futuro tranquilo parece aguardá-lo... Até que a chegada de uma misteriosa mulher italiana vira a sua vida de pernas para o ar. Esta é uma história de paixão e amor proibido, que os levará numa série de fantásticas e perigosas aventuras. Unidos pelo destino, nada nem ninguém parecem poder pará-los. Vencedor de duas Palmas de Ouro do Festival de Cannes, Emir Kusturica realiza e dirige esta história de amor e guerra, recheada de emoção, comédia e aventura com Mónica Belluci. "O cenário é lindo, com imagens de paisagem realmente atraentes, especialmente as vistas a olho de pássaro que se elevam acima dos tiros e das montanhas." - Variety "Animais atuam como espíritos tutelares - uma víbora de corça animada por CGI, um rebanho de ovelhas, um urso num riacho, uma borboleta numa fonte ų€·¨½–¾ß€¾’ÅÅ×ä‹ß–ôߎ€ ¨ŒÅųӖ€·¨×߀Ŕ–¾Ò䀾ßÅ€×Ѐ¨×€ –¾×’–×ߖ·¨¾’Åđ·½– leva-nos ao território ocidental bosniano, como se um western." - Screen Daily


12 a 14 janeiro 2017 Encontro de Gaita de Foles Pico, Açores

-

-

Com o objetivo de um recorde mundial de tocar a gaita de foles em todos os países, Ross já conseguiu chegar €½€¨×’–ŰŪӖ ¨Î–×’Åз€¾–߀ƾ佀€î–¾ßäӀ½äרŒ€·Œ–·ß€Ɵ€Ð€Ó–¾ß–½–¾ß–¨¾Ė¾¨ß€ƟÒä–€ ÅӀŒ¥– €€Å ponto mais alto de Portugal. Ross OC Jennings "The First Piper" (Escócia) ƦƦƦ–€×ÐÅÓ߀×–×߉Å€‹–Ó߀×€Ò䖽’–Œ¨’¨Óז²ä¾ß€Ó¾–×ߖÐÓ¨½–¨ÓÅ–¾ŒÅ¾ßÓÅ’–"€¨ß€’–!Å·–×¾€¨·¥€’ÅO¨ŒÅƦ


sexta 12 jan. 21h Concerto de Gaitas Auditório da Madalena

Ross OC Jennings "The First Piper" (Escócia) Gonçalo Cruz "gaitamaker" (Porto, Portugal) Urro das Marés (São Miguel, Açores)

Gonçalo Cruz é músico autodidacta, passou os últimos 20 anos estudando vários modelos de “Gaita de Fole” ibérica, criou o seu próprio atelier de construção de gaitas de fole e fundou gaitamaker.com

-

-

O grupo de gaitas de foles Urro das Marés, da Associação Tradições, da ilha de São Miguel, foi fundado em 2012. É composto por 5 gaiteiros e 2 percussionistas e insere-se num registo musical tradicional português bem como medieval. Já marcou presença em algumas ilhas dos Açores (Corvo, Flores, Santa Maria e Terceira), em Portugal Continental e além-fronteiras (Espanha, França e Macau). Apresenta-se pela primeira vez na ilha do Pico no Montanha Pico Festival.


ROTEIRO DOS SORRISOS DE PEDRA SMILING STONES ROUTE Pico, Açores

"É no rosto, no olhar, no sorriso de cada um de nós que as emoções explodem, desenham e gravam as rugas das alegrias e tristezas da vida. Sorrir é comunicar sentimentos íntimos e privados, é partilhar silêncios e olhares que só o rosto pode divulgar. SORRISOS DE PEDRA pretende oferecer o enorme potencial que é o sorriso nos rostos das crianças, dos adultos e dos mais velhos..."

"It is in the face, in the eyes, in each of our smiles that emotions explode, draw and record the wrinkles of the joys and sorrows of life. Smiling is a way to communicate intimate and private feelings, a way to share silence and expressions that only the face can disclose. SMILING STONES hopes to convey the enormous potential that is the smile on the faces of children, adults and seniors..."

Helena Amaral, artista Helena Amaral, artist www.mirateca.com


33

32

ROTEIRO DOS SORRISOS DE PEDRA SMILING STONES ROUTE Pico, Açores www.mirateca.com

31 30 29

34 2

27

3-10 28

26

25

24

11

23 22

1 12 13 14

21

17 15

18

19

20

1 Casa da Montanha & Piquinho 2 Quinta das Rosas 3 Alma do Pico 4 Museu do Vinho 5 MiratecArts Estádio Municipal da Madalena 6 Câmara Municipal da Madalena 7 Jardim dos Maroiços 8 Quatro Patas 9 Centro de Saúde da Madalena 10 Escola Cardeal Costa Nunes 11 Gruta das Torres 12 Casa do Missionário

13 MiratecArts Galeria Costa 15 Picoartes Artesanato 16 Café Galeão 17 Parque Florestal de São João 18 Aldeia da Fonte 19 Espaço Talassa 20 Vigia da Queimada 21 Miradouro das Ribeiras 22 Cavalariça 23 Barro & Barro 24 Miradouro da Terra Alta

25 Escola Regional de Artesanato 26 Parque Florestal da Prainha 27 Rotunda de SRP 28 Corre Água 29 Casa Preta de Fátima Madruga 30 Paim Bookhouse Gallery 31 Alto da Bonança 32 Sede do Parque Natural do Pico 33 Cachorro 34 Aeroporto do Pico Atelier Helena Amaral (+351) 918 320 036

Governo dos Açores

16


MADALENA

N

PICO

Rocha Roxa

Vimeiro Osier Field

A Luz da Montanha Mountain´s Light

LAJES

Paisagem da Ilha: Pico

Clayjelly

Whales on Ladders Baleias em Escadas A Quinta The Farm

MADALENA Candelária

Vista das Janelas Windows View Caminho do Girassol Sunflower Route Cemitério de Recordações Memories Cemetery

Por favor não sentar please do not sit Gigante Adormecido Sleeping Giant & Jardim do Chá Tea Garden

O Altar The Altar

A Gruta do Cagarro Cory’s Shearwater Cave Utopia Pessoal

OCEANO ATLÂNTICO ATLANTIC OCEAN

Não me esqueças na Banheira Forget me not in the Tub +/-500m Trilho ao Mar Trail to the Sea

A Praia The Beach A Árvore de Cores The Tree of Colours

Mirateca LAJES

Floresta Musical Musical Forest Tás có olho

Entrada | Entrance House 38°27'32.0"N 28°30'41.3"W

Roteiro de Instalações Artísticas - Artistic Instalations Route Locais de Interesse - Points of Interest

Sentar dos sonhos Sitting Dreams My Own Private Blue Wall Anfiteatro Lucky 7 Telhado Diversidade Diversity Roof O Projeto de 40 Anos: Unidades de Água The Forty Year Project: Water Units

A Saia da Barrica Barrel’s Skirt Muro dos Desejos Wishing Wall


A Luz da Montanha Mountain´s Light Inês Ribeiro (Leiria / Açores)

Estamos na ilha do Pico, Açores. Entre o centro da Freguesia da CandelĂĄria e o local da Mirateca, encontra-se a MiratecArts Galeria Costa. Um quilĂłmetro de arte na Ă?€¨×€ –½’€ÂŒĂ¤ÂˇĂ&#x;äӀ’€؞¼€Ć&#x;€Ó‹ä×Ă&#x;Ă…Ă—–ėÅӖ×Ă&#x;€ƞ instalaçþes, pinturas, esculturas e locais de interesse com o objetivo de desenvolvimento de arte na natureza. É um campo de experimentação, e uma experiĂŞncia que nĂŁo queres perder. We are in Pico island, Azores. Between the center of €ž’–¡ Ó¨€€ž’=¨Ó€Ă&#x;–Œ€ÂˇĂ…ÂŒÂ€ÂˇÂ¨Ă&#x;¨–×ŔŞ–Œ€žđž’ MiratecArts Galeria Costa. One kilometre of art amidst vinyards, bush and local forest: instalations, murals, sculpture and some points of interest with the objective to ’–Ζ¡ÅĂ?€ÓĂ&#x;¨žž€Ă&#x;äӖś*Ă&#x;Ş×€ž–ôĂ?–Ó¨½–žĂ&#x;€Ă&#x;¨Åžđ–¡’Ŕ€ž’ an experience you do not want to miss.

Painel de Cerâmica | 120 peças | 150 cm X 100 cm

"A Luz da Montanha, surge do que em mim habita enquanto passante e observadora da ilha do Pico. Nasce da interpretação da influência do mar, do salpicado de casarios e da força natural que se enaltece na composição da tela paisagística da ilha, que se multiplica em vårias cores consoante a passagem das horas, dos dias e das estaçþes. Enquanto a Montanha lå permanece, a mesma, hoje e amanhã!" ~Inês Ribeiro


EXPOSIÇÃO Filipe Gomes (Pico/Palmela)

1718 em Ilustração - Mistérios de Fogo

Centro de Interpretação da Paisagem da Cultura da Vinha do Pico – Lajido de Santa Luzia Abertura: Quarta 31 jan 18h 300 Anos das Erupções dos Mistérios de Santa Luzia e São João

Pelas 6 horas da manhã do dia 1 de Fevereiro de 1718, no sopé da montanha do Pico, rebentava um erupção, como já não se via há mais de 150 anos naquela ilha... lava incandescente até ao mar, entre Santa Luzia e Bandeiras. Logo no dia seguinte, era a vez da freguesia de São João ser assolada pela catástrofe, que ao contrário das vizinhas do norte, não foi poupada pelos rios de fogo, que acabariam por cobrir de basalto grande parte das terras e habitações, incluindo a igreja. É este o cenário, ocorrido há 300 anos na ilha do Pico, que serve de inspiração para a exposição de ilustrações de Filipe Gomes, natural da freguesia de Santa Luzia e amante do conhecimento sobre a história dos Açores. Tentando recriar as imagens de episódios dos quais existem apenas palavras escritas, o autor pretende mergulhar no tempo e viajar aonde nunca esteve, convidando todos a acompanhá-lo nesta jornada.

Verónica Melo (São Miguel) residência artística A Magia da Montanha Explorando as emoções e sentimentos que vive ao observar a natureza, a artista traduz através da pintura a sua perspectiva sobre a paisagem. Da inspiração retirada da observação da Montanha, irá ser criada uma representação emocional para ser exposta permanente ao ar livre ä½Ė·ßÓÅ–¾ßӖÅ–×ЖŒß€’ÅÓ–ƪ=€ ¨€’€=ž߀¾¥€LJƦ WORKSHOPS A artista tem a oportunidade de visitar escolas e liderar uma hora de expressão plástica na temática de montanhas; escolas e professores interessados por favor contactem através de info@mirateca.com ou 963 639 996 para registar sua turma.


terça 16 jan 21h00 Museu dos Baleeiros Se as Montanhas se Afastam | Jia Zhang-Ke | 126´ | China/França | 2015 ¼¨ž€Ć&#x;Ėž€¡’–ōųųųƌ]ہĆ&#x;佀²ÅΖ½ӀĂ?€Ó¨ €—ÂŒĂ…Ă“Ă&#x;–²€’€Ă?Ă…Ă“’Ũ× €½¨ Å×’–¨žÂ&#x;ƒžŒ¨€Ć&#x;x¼€ž –7¨€žú¨ƌx¼€ž Ć&#x;Ă?Ă“Ă…Ă?Ó¨–Ă&#x; Ó¨Å’–佀–×Ă&#x;€Â?‰Å ’–זÓΨÂ?Ă…Ć&#x;Ă&#x;–½ӖזÓ΀’ÅĂ?€Ó€רä½Â&#x;äĂ&#x;äÓÅĂ?ÓŽ–Ă&#x;–’ÅÓĆ&#x;ہĂ?€××ÅÒä– 7¨€ž Ă&#x;Ӏ‹€¡¼€žä½€½¨ž€’–ÂŒÂ€Ă“ĂŽÂ‰Ă…ĆŚŽĂ…ÂŒĂ…Ă“Â€Â?‰Å’¨Î¨’¨’Å–žĂ&#x;ӖĂ…Ă— ’Ũ׼Ž–ž×Ć&#x;]ہ΀¨Ă&#x;–Ó’–Â&#x;€ú–Ó佀Â–Ă—ÂŒĂ…ÂˇÂĽÂ€Òä–¨Ó Â˝Â€Ă“ÂŒÂ€Ă“Ă…Ӗ×Ă&#x;Ă…’€ ×ä€Ψ’€–’€Â’Ă…זäÂ&#x;äĂ&#x;äÓÅĖ¡¼ÅĆ&#x;Å¡¡€Óƌ >ä½Òä€ÓĂ&#x;Ă…’–Ă—Â—ÂŒĂ¤ÂˇĂ…Ć&#x;–žĂ&#x;Ӗ佀¼¨ž€–½Ă?Ă“Ă…Â&#x;䞒€½äĂ&#x;€Â?‰Å–€ ä×Ă&#x;Ó ¡¨€ÂŒĂ…½Å€Ă?ÓŽ–×׀’–佀Ψ’€½–¡¼ÅÓĆ&#x;Â–ÂžÂŒĂ…ÂžĂ&#x;Ӏ½ƞז€× –×Ă?–Ó€žÂ?€×Ć&#x;Ă…Ă—€½ÅӖ×–€×’–ר¡ä×Ζ×’€×Ă?–Óת€ –ž×Â&#x;€Œ–ہזä ’–×Ă&#x;¨žÅƌ "uma obra de trabalho misteriosa e, de certa forma, ambiciosa, de um cineasta cuja criatividade estĂĄ evoluindo diante de nossos olhos." - The Guardian "...um trabalho ambicioso e humanismo profundamente sentido, Jia nĂŁo anseia tanto voltar atrĂĄs no tempo, mas sempre retardĂĄ-lo ligeiramente." - Variety


Climb Every Mountain encontro de ideias 19 a 21 janeiro

O projeto Climb Every Mountain pretende incentivar os jovens a pensarem "out-of-the-box", fora da sua "capelinha", onde o limite é o horizonte, ou a mais alta montanha. Através de ideias de marketing e promoção, start-ups, eventos e criação, jovens açorianos são convidados a se inscreverem para participar neste encontro na ilha do Pico, apresentando a sua ideia. O projeto pretende abraçar o maior numero de jovens interessados. Se tens uma ideia, partilha com a associação MiratecArts através do email montanhapicofestival@gmail.com até 1 de janeiro 2018. ר’–¨€×Òä–×ŋӖî¨î–½ÅĖ½’–ז½€¾€’–€ß¨î¨’€’–×ߖ½Å potencial de futuro desenvolvimento. Apoio de viagens e estadia (para jovens que não vivem no Pico) providenciado pela Direção Regional da Juventude.

AVENTURAS NA MONTANHA

Subida ao Pico com música sábado 13 jan 08h00 Casa da Montanha Épico lidera a anual subida ao ponto mais alto de Portugal. Desta vez temos os nossos amigos com usas gaitas de fole para um concerto improvisado no topo do Pico. Inscreve-te nesta aventura para receber todos os detalhes. Participação limitada. Contacte info@epico.pt ou por telefone 962956196.

Caminhada dos Vulcões domingo 28 jan 15h00 Casa da Montanha

Este percurso pedestre interpretativo, onde iremos aprender algumas curiosidades sobre os vulcões do Pico, terá a duração de 2 horas e liderado pelo Diretor do Parque Natural do Pico, Paulino Costa. Depois das apresentações na Casa da Montanha, seguimos em direção a um dos mais recentes vulcões da ilha, que em 1718 originou o "Mistério de Santa Luzia". Inscrições não necessárias.


domingo 21 jan. 15h ChĂĄ na Montanha

A Escalada de um Manco - Miguel) Almeida Maia (SĂŁo Ž–½ÅӀƞזĂ…Ӗ Ó–××ÅÂ…Ă?Ŗר€Â’Ă… autor Almeida Maia com a edição de “A Escalada de um Mancoâ€?. Ao longo de Şú–Œ€žĂ&#x;Ă…Ă—Ć&#x;Ă…ۊĂ&#x;Ă…Ă“Ė äӀ€Ă?–Óר×Ă&#x;™žŒ¨€ ¼ä½€ž€Ă?–Ó€žĂ&#x;–Ă…–ÓÓÅ–€€’ΖÓר’€’–– Ӗ¡€Ă&#x;€€¼¨×Ă&#x;ÆÓ¨€’–佼Ž–½’–‹¨¡¨Ă&#x;€ƞ Â’Ă…Òä–Ă&#x;–½’––žÂ&#x;ӖžĂ&#x;€ÓĂ…½€¨ÅÓ’–×€ĖÅ da sua vida.

Atlantis Enric Enrich (Barcelona/SĂŁo Miguel) Carla VerĂ­ssimo (Leiria/SĂŁo Miguel) Ă&#x;¡€žĂ&#x;¨×ƌb½¡¨ÎÓÅ’–Â&#x;Ă…Ă&#x;ŠӀĖ€×ÂŒĂ…Â˝佀½ Ò䨞€Ă?Ă…Ă“Ă&#x;Ă“Â Ă—ĆŚ ¼¨×Ă&#x;ÆÓ¨€’–ÂžĂ“Â¨ÂŒÂžĂ“Â¨ÂŒÂĽĆ&#x;ÂŒĂ¤Â˛Â€×äÓĂ?Ӗ׀–’–ס佋ӖĂ?–¡Å× Açores se retratam constantemente na sua câmara. A convite do amigo e sem ver as fotos, Carla VerĂ­ssimo escreveu um Ă&#x;–ôĂ&#x;Ă…Ă?ŗĂ&#x;Â¨ÂŒĂ…Ă?€Ó€Œ€’€¨¡¼€ƌOÂ€Ă“Â–ÂŒÂ–Òä–Â–Ă—ÂŒĂ“Â–ĂŽÂ¨Â€Ă?€Ó€–¡€×Ć&#x; Ă?ÅÓÒä–Ć&#x;€Ėž€¡Ć&#x;Â–Ă—ÂŒĂ“Â–ĂŽÂ¨Â€Ă?€Ó€€×¨¡¼€×–ÂžĂ“Â¨ÂŒĂ&#x;¨ž¼€ƞ€×Â&#x;Ă…Ă&#x;ŠӀƞ Â&#x;€’ÅĂ&#x;‰Å‹–½ƥž–×Ă&#x;–’¨×Ă?€ÓÅÒä–ÂžÂ€Ă—ÂŒÂ–Ă&#x;¡€žĂ&#x;¨×ƥ

Entrilhas Ă“Â–Ä—Â–ÂŒĂ&#x;–€×Ψɞƞ cias de Carla VerĂ­ssimo, desde 2010 a 2013, nas ilhas dos Â?ÅӖ×Ć&#x;ÂŒĂ¤Â˛Ă…Ă&#x;Ӏ‹€¡¼ÅÂŒĂ…Â˝Ă… ¨Æ¡Å €Ă?Ă“Ă…Ă?Ă…Ă“ÂŒÂ¨Ă…ÂžĂ…Ă¤ ÂŒĂ…ÂžÂĽÂ–ÂŒÂ–Ă“×ŋ–²€½–žĂ&#x;–Ă… €ÓÒä¨Ă?—¡€ Åƌ Ž–×Ă&#x;–¡¨ÎÓÅĂ?ӖĂ&#x;–ž’– fomentar a curiosidade, a Â’Â–Ă—ÂŒĂ…Â‹Â–Ă“Ă&#x;€–€Ψ€ –½Ć&#x;€Ò䖽 Ă?Å×׀–Ò䖨Ӏ€’½¨Ó€Ó–×ז× Ă?–’€Â?Ă…Ă—’–Ă&#x;–ÓӀĆ&#x;€Ėž€¡žÅ meio do mar. SĂŁo lugares, gentes, momenĆž tos, memĂłrias, arte, artistas, casas. O mar e as viagens, ז½Ă?ӖĆ&#x;¨ž–ΨĂ&#x; Î–¨×ƌ½×佀 as ilhas no seu todo.


terça 23 jan 21h00 Museu dos Baleeiros Virgem Prometida | Laura Bispuri | 84´ | Itália/Albânia | 2015 Hana cresce nas arcaicas montanhas da Albânia. Escapa ao destino de ser casada contra a sua vontade, através de um costume antigo, em que ׀ŒÓ¨ĖŒ€€×䀟–½¨¾¨·¨’€’––²äӀî¨Ó ¨¾’€’––ß–Ó¾€ƦO€Ó€זÓ·¨îӖƟ viverá como um homem e passará a chamar-se Mark. Depois de dez anos, Hana decide mudar de vida e partir para Milão, ao encontro da ÐÓ¨½€ƟÒä–Ÿä ¨Ó€’€·‹ƒ¾¨€Ʀ€Œ¨×ז¨€’Å·ÅÓÅ׀–’¨ŸªŒ¨·’–佀 mulher, desde o mundo arcaico das montanhas à vida moderna da cidade. Uma mulher à descoberta da sua sexualidade e da sua vida emocional. şśśśä¾¨î–Ó׀·––×ЖŒªđŒÅŔßӀ߀ųז’–ä½đ·½–½€Ó€î¨·¥Å׀½–¾ß–Ӗ€·¨ú€’Å’– ’–׌ŋ–Ó߀×ŋӖ¨’–¾ß¨’€’–זô䀷–×ŋӖŒä·ßäӀŔЀӀזä×ЖÓמ€ –¾×–ЀӀÅ Ð勷¨ŒÅśşų'ž 5ž !¨·½!–×ߨï€Ó’× ş7€äӀ ¨×ÐäÓ¨—ä½¾ÅîÅ–’¨×ߨ¾ßÅ߀·–¾ßÅŒ¨¾–½€ßŠӁđŒÅÒä––×߀½Å×€¾×¨Å×Å× ЀӀז ä¨Ó…½–’¨’€Òä–×䀌€ÓӖ¨Ó€€î€¾€śô¨×ߖ佀 Ó€¾’–ÐäӖú€–î–Ó’€’– –½×䀀‹ÅӒ€ –½€佀¥¨×ßÆÓ¨€’€·ä߀Ÿ–½¨¾¨¾€ŒÅ¾ß–½ÐÅӃ¾–€śşųV€¾ !Ӏ¾Œ¨×ŒÅ!–×ߨï€Ó’×


Do Mar à Montanha

sábado 27 jan 09h00 e 14h00 MiratecArts Galeria Costa

!ÅߊӀĖ€>ŌßäÓ¾€ sábado 27 jan 21h00 Atlântico Teahouse

Encontro pelas 21h para explorar parte da ilha do Pico e captar ¨½€ –¾×¾€¾Å¨ß–Ʀ=€Ò䨾€ŸÅߊӁĖŒ€ƟßӨЗƴז’¨×Оªî–·Ƶ– roupa confortável e quente é recomendável. Inscreva-se nesta experiência guiada por fotógrafos da ilha montanha. info@mirateca.com 963 639 996.

Foto de Helder Gonçalves

Oportunidade de visitar a MiratecArts Galeria Costa e participar no desenvolvimento do Cantinho das Suculentas, Mundo das Tillandsias e do Jardim Saudade - nomeado ao projeto Azores Top 10, lugares de interesse nos Açores. Venha ajudar da parte da manhã ou à tarde, ou passe o dia connosco. Se consegue investir uma hora ou duas, basta aparecer, e se tem suculentas e plantas aéreas que deseja oferecer, aceitamos de braços abertos!


terça 30 jan 21h00 Museu dos Baleeiros O Abraço da Serpente | Ciro Guerra | 125´ | ColĂ´mbia | 2015 Karamakate, um poderoso xamĂŁ da AmazĂłnia, Ăşltimo sobrevivente do seu povo, vive nas profundezas da selva, num isolamento voluntĂĄrio. DĂŠcadas de solidĂŁo transformaram-no num chullachaqui, um invĂłlucro humano, despojado de memĂłrias e de emoçþes. O seu vazio ĂŠ perturbado pela chegada de Evan, um etnobotânico americano que procura a Yakruna, uma planta sagrada secreta, capaz de ensinar a sonhar. Juntos, embarcam numa viagem pelo coração da AmazĂłnia, na qual o passado, o presente e o futuro se entrelaçam, e onde Karamakate começa lentamente a recuperar as suas recordaçþes perdidas. D RDVRO>]—ä½Â˝Â€Â ÂžÂŞÄ‘ÂŒĂ…¼¨žÅÂ…ž€Ă&#x;äӖú€Ŕä½Ӗ €×Ă&#x;–’– ÂŒÂ¨ĂŽÂ¨ÂˇÂ¨ĂşÂ€Â?Ζ×–ôĂ&#x;¨žĂ&#x;€×ŊśśśŪ—ä½Â’Ă…Ă—½€¨×ÂŒĂ…Â˝Ă…ĂŽÂ–ÂžĂ&#x;–×ӖĂ&#x;ӀĂ&#x;Ă…Ă—’€×ÂŒÂ¨ĂŽÂ¨ÂˇÂ¨ĂşÂ€Â?Ζ× Â€Â˝Â€ĂşĂ†ÂžÂ¨ÂŒÂ€Ă—Ă?Ă“Â—ĹłÂŒĂ…ÂˇĂ…Â˝Â‹Â¨Â€ÂžÂ€Ă—Ĺ”ä½Ă“Â–ÂŒĂ¤Ă…ہ½Å½–žĂ&#x;Ă…–½Òä–Ă…¼Å½–½זĂ?–Ó’–äśĹł l¨×‰Å EĂ—ÂŒÂ€Ă“Ų>Ž–€Â?‰ÅĂ?€Ó€=–¡¼ÅÓ!¨¡½–Ă—Ă&#x;Ӏž –¨ÓÅ Oӗ½¨ÅQ䨞ú–ž€’–R–€¡¨ú€’ÅӖ×Ų€žž–×


PARCEIRO MUNDIAL

ORGANIZAÇÃO

PARCEIROS DA MIRATECARTS

We Bottle Terroir

APOIO PROMOCIONAL

PARCEIRO MONTANHA

DESIGN JOSÉ MIGUEL SILVA

Os projetos da MiratecArts são possíveis com o apoio, parcerias e ofertas dos nossos amigos... =¨Ó€ß–ŒÓß×ÐÓŲ–Œß×€Ó–ÐÅ×ר‹·–ï¨ß¥ߥ–×äÐÐÅÓßŔЀÓß¾–Ó×¥¨Ð×€¾’ ¨ĝןӎÅäÓŸÓ¨–¾’לśś


>>> OPORTUNIDADES DE PARTICIPAÇÃO www.mirateca.com

o festival de artes em casas rurais

Montanha Pico Festival O mês de janeiro acolhe o festival de artes de inverno a celebrar a temática de montanha. Por toda a ilha, haverá mostra de arte, de cinema, encontros de artistas e o Chá na Casa da Montanha do Pico onde se acolhe o público de todas as idades. Propostas de arte e aventura na temática de cultura montanhosa são bem vindas. The festival welcomes proposals for art and adventure in the mountain culture theme.

Azores Fringe Festival O festival internacional de artes acontece durante o mês de junho por todo o arquipélago. Artistas fazem proposta de desenvolvimento, pesquisa, apresentação ou criação. Tudo relacionado com a cultura artística é bem vindo. Esta é uma grande oportunidade para experimentar algo novo ou mesmo arriscar mais com a sua arte. Vamos ao Fringe! All artistic proposals welcome through the application available online.

Cordas World Music Festival Cordas é uma semana de eventos com e sobre instrumentos de corda na vila da Madalena. O festival acontece no início do ano escolar, setembro, com vindimas e folgueios. Artistas a solo, duetos, trios e bandas, compostas 100% de instrumentos de corda, são bem vindos a participar. String music proposals welcome from solo, duos, trios and bands that are 100% string instruments.

AnimaPIX O festival de animação do Pico aceita propostas de filmes de animação para todas as idades. AnimaPIX acontece em dezembro nas escolas da ilha e em salas para público em geral. Animation festival welcomes proposals for programing that caters to school children and general audiences.

ROTEIRO DE ARTE PÚBLICA PUBLIC ART ROUTE

Casa da Música da Candelária Saudade Jardim Saudade pretende inspirar a criatividade através da planta florífera scabiosa. Este espaço, na freguesia da Candelária, Pico, abre as portas a quem quer aprender e a quem quer partilhar os seus Saudade Garden wishes to inspire creative projects about the scabiosa family of flowering plants. conhecimentos musicais, em especial instrumentos de corda. Grupo de Cordas Ilha Negra, Fado Ilhéu, Grupo de Violas e o Grupo de Chamarrita são alguns dos projetos aqui iniciados que já tem tido saída para outros públicos.

Projeto Tricô: A criação de trabalhos artísticos através da arte do tricô acolhe pessoas de todas as idades interessadas em ensinar, aprender, partilhar e conviver. The creation of artistic projects through the art of knitting.

Plataforma de promoção de artistas açorianos. Se és artista açoriano, ou a viver nas ilhas dos Açores, és bem vindo a te inscrever no www.discoverazores.eu Promotional platform for Azorean artists.

Proud to be Portuguese Canadian & Clube de Amizade Oakville-Madalena Friendship Club Estes projetos incentivam o intercâmbio entre o Canadá e os Açores e vice-versa. These projects incentivate exchanges Canada-Azores and Azores-Canada.

Artistas Lusos Plataforma de promoção de artistas portugueses e luso-descendentes pelo mundo. www.artistaslusos.net Promotional platform for Portuguese and Luso-descendant artists around the world.


mapa não à escala | map not to scale

BVM

30

Quinta das Rosas (~3km)

12 BARCA

29

www.mirateca.com

FOTO_GALERIA

12

34

5 39 40 14 6-13 33

32

28 18

12

17 minibela Av. Machado Serpa 16

galeria a brasa

27

4

38 35 41

15

31

19

2 37

20-26 CellaBar Rádio Pico

3

Museu do Vinho Adega das Artes

Miratecarts (Estádio Municipal)

Bombeiros Voluntários

Auditório e Biblioteca

Centro de Formação Artística

Câmara Municipal da Madalena Casa do Povo

Fotopico

36

AREIA LARGA

Jornal Ilha Maior Caffe Cinq

1

PIX Apartments

Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico

Jardim dos Maroiços Escola Cardeal Costa Nunes Ancoradouro

Centro de Saúde O Petisca Atlântico Teahouse


01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15

No Mundo da Lula, 2015 Verónica Melo (S. Miguel, Açores) Nascentes de Lava, 2014 Djervy (Pico, Açores)

Música nos Corações, 2015 Ana Paxeco (Lisboa, Portugal) A cor do talento, 2013 Djervy (Pico, Açores)

The Last Atlantean, 2015 Guilherme Gamito (Alentejo, Portugal) Quem me dera, 2015 Colectivo Nora (Águeda, Portugal) Paths, 2015 Paulo Ávila Sousa (Terceira, Açores) La Muse Bleu... l’amuse bleu, 2013 Carlos Farinha (França-Portugal) Guardião da Montanha, 2015 Rocio Matosas (Uruguai) Flora Azorica, 2015 Rocio Matosas (Uruguai)

A Picarota, 2014 Carlos Farinha (França-Portugal) Sorrisos de Pedra, 2015 Helena Amaral (Pico, Açores) Waiting for Camille, 2014 Luís Brum (Terceira, Açores) Portugal 2, 2015 Duarte Neves (Pico, Açores) A Travessia do Canal, 2013 Inês Ribeiro (Leiria) e C.A.O. (Pico)

16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28

“Sempre imaginei que o paraíso fosse uma espécie de livraria”, 2013 Ruben Ferreira (Pico, Açores) Baco, 2014 Rocio Matosas (Uruguai) Titans do Mar, 2014 Luís Brum (Terceira, Açores) Ária de Fogo, 2015 Zara Diniz (Toronto, Canadá) Coletivo, 2015 Encontro de Ilustradores (vários) uma memória de som e mar, 2015 Sérgio Sequeira (Lisboa, Portugal) Choose your plate, 2015 Daniela Melo (São Miguel, Açores) Paisagem no Mar, 2015 Inês Ribeiro (Leiria-Açores) Vento Diatónico, 2015 Elena Valsecchi (Itália) e Laurent Geoffroy (França) Dea Della Montagna, 2015 Enea Mangili (Itália-Suíça) Pico Poseidonis, 2015 Mercé de Rande (Galicia) Polvo Tricrochet, 2015 50 mulheres participantes (Pico a Paris) Os Picarotos, 2015 Teresa Rego (Porto, Portugal)

29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41

Encontro, 2015 Paulo Neves (Porto, Portugal) The Farm, 2015 Sancho C (Pico, Açores) Projeto CiênciArte, 2016 Alunos da E. C. C. N. (Pico, Açores)

Nature Drops, 2016 Martim Cymbron (São Miguel, Açores) Adventure Time, 2016 NAVI (São Miguel, Açores) Pescando com Coração, 2016 Kas Art (Bélgica/Portugal) The Wave, 2016 Tse (Bulgária) Rabo de Baleia, 2016 Djervy (Pico, Açores) a long time ago..., 2017 Filipe Gomes (Pico, Açores) A Dream, 2017 Tse (Bulgária) Mãe Terra, 2017 Rocio Matosas (Uruguai) Stay Humble Human, 2017 NAVI (São Miguel, Açores) Gilberto Mariano, 2017 Rui Goulart (Pico, Açores)


Parque Natural do Pico

Rede Natura 2000

Geoparque Açores

A montanha do Pico, pela sua riqueza geológica, biológica e

Integrada na Zona Especial de Conservação da Montanha do Pico, Prainha e Caveiro, possui uma comunidade vegetal única nos Açores adaptada às condições adversas de montanha, onde se inclui a espécie , única planta endémica desta montanha.

O mais jovem e maior vulcão poligenético dos Açores, elevando-se cerca de 3500 m dos fundos marinhos, é um dos mais importantes Geossítios do Geoparque Açores.

“Reserva Integral da Montanha do Pico” em 1972, tornando-se numa das mais antigas áreas protegidas do país. Mais tarde, em 1982 foi reda Montanha do Pico”, passando a estar integrada com a mesma categoria no Parque Natural do Pico a partir de 2008.

7 Maravilhas Naturais de Portugal Faz parte da “Paisagem Vulcânica do Pico”, que foi a grande vencedora na categoria de Grandes Relevos, no concurso 7 Maravilhas Naturais de Portugal.


ComunicarAtitude , Lda.®

RNAVT: 4313

www.fontetravel.com +351 292 679 505 info@fontetravel.com

Destiny Management Company (DMC) specialized in the Triangle, The Azores, a cluster of three islands: Fayal, Pico and São Jorge. Agência local especializada na oferta turística do Triângulo: Faial, Pico e São Jorge.


 



 

&RRSHUDWLYD9LWLYLQÊFRODGD,OKDGR3LFR3LFRZLQHV&5/

$Y3DGUH1XQHVGD5RVD_0DGDOHQD3LFR_$ÄRUHV_3RUWXJDO ZZZ3LFRZLQHVFRPJHUDO#3LFRZLQHVFRP

  


DESCOBRIR AÇORES COM ARTE E ARTISTAS

www.discoverazores.eu

DISCOVER AZORES WITH ART & ARTISTS

MiratecArts Revista #13 - Montanha 2018  
MiratecArts Revista #13 - Montanha 2018  

MiratecArts Revista #13 - Montanha 2018

Advertisement