Page 1

Relatรณrio 2015 /2016

Elos

Com quantos sonhos transformamos o mundo?


Este é o relatório de atividades de 2015/2016 do Instituto Elos. Nestes dois anos, realizamos uma profunda reflexão sobre quem somos, para onde vamos e o que queremos para as próximas décadas. Com isso, nossos sonhos de futuro começaram a tomar forma a partir do terreno localizado no morro da Nova Cintra, em Santos, onde será construído o Espaço Elos; da formação do Conselho Consultivo do Elos; e da contratação de diferentes profissionais para re-estruturar nossos núcleos, alinhar nossa marca perante nossos parceiros, e viabilizar nossa existência com sustentabilidade financeira. Ao lado disso, a criação do Elos Foundation marcou nossa meta de expansão global da Filosofia Elos.

Relatório 2015 /2016

Elos

Com quantos sonhos transformamos o mundo?

No começo da nossa trajetória, quando a gente já falava em sonhos, muitos achavam estranho, talvez porque aparentemente não tinha uma materialidade clara. Hoje, com esta ideia disseminada até em propagandas comerciais, criamos um índice que é a síntese da nossa missão: Com quantos sonhos nós transformamos o mundo? É em torno desta ideia que nosso relatório bianual está construído. Esperamos que com esta leitura você se sinta mais perto de nós.

Seja bem-vind@!!!


ÍNDICE APRESENTAÇÃO 02 SONHO É NOSSA MATÉRIA-PRIMA SOBRE O ELOS 05 ELOS EM NÚMEROS 06 LINHA DO TEMPO 10 O QUE O ELOS FAZ 14 COMO O ELOS FAZ 15 PORQUE O ELOS FAZ 16 ESPAÇO ELOS 18 BALANÇO FINANCEIRO 20 RELATÓRIO DOS AUDITORES INDEPENDENTES 21 GUARDIÕES DA TRANSFORMAÇÃO REVISÃO ELOS 22 CONSELHO 24 MARCA ELOS 26 SUSTENTABILIDADE FINANCEIRA 28 ESTRUTURA 30 ELOS FOUNDATION 32 E-MPULSE 34 GO DEEP 35 CEAL 36 OASIS TRAINING ZIMBÁBUE

PROJETOS 39 GUERREIROS SEM ARMAS 2015 46 CAMINHO DA EXPANSÃO 47 NOVOS LÍDERES 48 COMUNIDADES EMPREENDEDORAS 50 VIVÊNCIA OASIS 52 GVT NA PRAÇA 54 VIVO A PRAÇA 56 VIVÊNCIA OASIS EM COMUNIDADES 57 OASIS NAS ESCOLAS 58 JOGOS DE TRANSFORMAÇÃO ENCONTROS 61 MAPA DA INFÂNCIA BRASILEIRA 62 FESTIVAL ELOS 64 GIFTIVAL 65 PROMOTORIA COMUNITÁRIA 66 DIÁLOGOS ELOS 68 FESTIVAL COMUNIDADES EMPREENDEDORAS 69 LANÇAMENTO GUERREIROS SEM ARMAS 70 EQUIPE ELOS 71 COLABORADORES 70 AGRADECIMENTO 74 FICHA TÉCNICA

1


o sonho é nossa matériaprima

407 sonhos realizados 879 pessoas em

2

em anos

8100

nossas formações

participantes com mão na massa

atuando ao lado de

impactando

Created by Yorlmar Campos from the Noun Project

42 comunidades

252 mil pessoas diretamente (1)

(1) 27 Vivências Oasis + 6 projetos CEAL+ 2 Oasis nas Escolas + 1 Oasis Training no biênio 2015-2016 2


Apresentação

O Elos é fruto de sonhos. Há 16 anos, quando sonhamos em nos dedicar a esse trabalho de transformação em comunidade, quando sonhamos em poder formar uma nova geração de jovens capazes de mobilizar pessoas e colocá-las em ação para a realização de sonhos comuns no Brasil, na América e no mundo, tudo o que sabíamos, e que todos à nossa volta confirmavam, era que não seria possível. O que sentíamos era diferente. Era uma alegria, uma certeza de que valeria a pena, e um medo que dava mais emoção à ideia de se lançar na aventura de realizar um sonho talvez impossível, mas tão maravilhoso que não fazia sentido fazer outra coisa que não se atirar no desafio de tentar realizá-lo. Por isso sonhamos! Porque nossos sonhos são que nos dão o impulso e a coragem para caminhar com a certeza de que o esforço valerá a pena. Nossos sonhos são a razão do nosso brilho nos olhos, porque refletem a esperança, a luz que vemos no horizonte ou no fim dos diversos túneis que já cruzamos. Isso não nos deixa parar, porque queremos chegar até lá, a esses mundos maravilhosos que sonhamos realizar, à plena realização dos milagres que vemos acontecer a cada passo que damos. RODRIGO RUBIDO ALONSO | DIRETOR EXECUTIVO DO INSTITUTO ELOS

3


Sobre

o Elos 4

Transformar o mundo no lugar em que todos sonhamos é o nosso propósito. Aqui vamos contar quem somos, como fazemos essa transformação, e o que nos move a continuar nossa atuação. Ao final desta capítulo, mostramos nosso sonho maior para os próximos anos: o Espaço Elos.

- Elos em números - Propósito - Linha do tempo - O que o Elos faz - Como o Elos faz - Porque o Elos faz


Rede de

espalhados por

jovens transformadores

países do mundo

com mais de

já impactou mais de

450

20

Este é o propósito do Instituto Elos. Construído em um processo coletivo e consolidado em 2010, traduz a contribuição mais preciosa que queremos e podemos dar à construção do melhor dos mundos. Este propósito está no centro de cada tomada de decisão e cumpri-lo de forma cada vez mais ES-PE-TA-CU-LAR é nosso constante desafio em um caminho que começou a ser trilhado um pouco antes do nascimento do Elos enquanto organização.

1.200.000 pessoas pelo mundo

abertura em mais de

ferramentas reconhecidas e disponíveis para uso público

360

Impulsionar o movimento de fazer acontecer já o mundo que todos sonhamos.

40

clientes renomados

comunidades que já receberam algum trabalho com a Filosofia Elos

Propósito

ELOS EM NÚMEROS

6

parceiros permanentes em Santos

Plataforma de Jogos de Transformação

Atrai interesse da mídia

mais de

60

veículos já publicaram matérias.

5


LINHA DO TEMPO REPLICAR UMA EXPERIÊNCIA, É ASSIM QUE NASCE UMA METODOLOGIA ARQUITETURA DO LADO DE FORA, QUANDO A INQUIETAÇÃO GERA AÇÃO TRANSFORMADORA Organizado em Santos o Encontro Nacional de Estudantes de Arquitetura coloca estudantes em contato direto com pessoas reais em situações reais.

1995 1996 ANOS 90

MOVIMENTO ESTUDANTIL DE ARQUITETURA E A PERGUNTA: QUAL É O PAPEL SOCIAL DO ARQUITETO

Ponto de partida para um conjunto de experimentações que envolviam em sua essência o aprender fazendo e junto. Esta experimentação está diretamente ligada ao nascimento do Instituto Elos.

6

MUSEU DE PESCA DE SANTOS: A HISTÓRIA DE UMA CIDADE TRANSFORMADA POR MUITAS MÃOS Mais de 100 estudantes se envolvem no processo de projetar e viabilizar, de forma coletiva, a recuperação de um dos maiores patrimônios culturais da cidade de Santos.

A experiência do Museu de Pesca de Santos dá origem à Escola de Guerreiros Sem Armas: um curso de 32 dias para jovens da América Latina que querem transformar a sociedade pela identificação de potenciais e pela escuta e mobilização da comunidade para a realização de um sonho comum.

1999

2000

CRIAÇÃO DO INSTITUTO ELOS

que nasce para dar continuidade às ações das 6 comunidades anfitriãs das ações realizadas até então pela Escola de Guerreiros Sem Armas.


A CRIAÇÃO DO JOGO OASIS* atende à necessidade de impulsionar a mobilização de comunidades através de uma transformação real viabilizada com recursos e talentos locais e com um resultado desafiador concreto materializado em um curto espaço de tempo.

2003

DISSEMINAÇÃO E REPLICAÇÃO

CRISE = OPORTUNIDADE PARA CRESCER

são as palavras chave deste ano que marca a estratégia de criar condições para que a essência da forma de fazer do Elos seja aplicada por diferentes atores. As ações são marcadas pelas parcerias estabelecidas com Universidades, Governos e ONGs internacionais.

Como garantir a sustentabilidade financeira da organização e resguardar nosso propósito? O Elos se reinventa com o desafio de criar formas de transformar o mundo e viver deste ofício.

2005

CONEXÃO MUNDIAL, O ELOS ENTRA NA REDE

ao se tornar Learning Center da Rede Berkana Exchange e um dos seus fundadores se torna fellow da Ashoka, a partir dai as redes se tornam parte da forma de aprender e realizar da organização.

2008

2006

2007

GUERREIROS SEM ARMAS VERSÃO 2.0 A reorganização do Elos impacta também o seu principal o programa, o Guerreiros Sem Armas assume o seu caráter internacional e recebe 59 jovens de 17 países.

*O JOGO OASIS é uma ferramenta de apoio à mobilização cidadã para a realização de sonhos coletivos. 7


O Ministério da Cultura considerou o Elos uma organização de Notório Saber por seu trabalho

METODOLOGIA APLICADA COMO FERRAMENTA DE POLÍTICA PÚBLICA EM ESCALA NACIONAL E INTERNACIONAL Enquanto o Elos no Canteiro Mais Cultura realiza 20 ações em 15 municípios do Brasil. A parceria com a Agência Brasileira de Cooperação utiliza a Metodologia Elos como instrumento para promover cooperação técnica entre o Brasil e Guiné Bissau.

2009

JOGO OASIS É CERTIFICADO COM UTILIDADE PÚBLICA, DEPOIS DE APOIAR AÇÃO DE 300 JOVENS EM ÁREA DE CATÁSTROFE.

O reconhecimento da Fundação Banco do Brasil reforça o valor e a importância da ferramenta na ação do movimento Oasis Santa Catarina que realizou ações em 12 comunidades nas cidades atingidas pelas cheias de 2008.

8

A Agência Brasileira da Cooperação – ABC no âmbito da Cooperação Sul-Sul reconhece o alto potencial inovador e de fácil replicabilidade em contextos multiculturais da Filosofia Elos

Aplicação da Filosofia Elos em processo de desenvolvimento local na comunidade Caiçara da Juréia é o piloto de aplicação da Metodologia em projeto de médio prazo. Neste ano também acontece pela primeira vez o Guerreiros Sem Armas de inverno.

2012

2010 2011

Pela natureza dos serviços oferecidos à sociedade, o Instituto Elos recebeu e mantém os títulos de Utilidade Pública Municipal, Estadual e Federal Renomado teórico da atualidade, o físico Fritjof Capra citou publicamente o Instituto Elos como exemplo de mudança verdadeira

Ano marcado pela aplicação da FILOSOFIA ELOS** em novos contextos e foco na formação de disseminadores. Um exemplo é a realização do Dia dos Voluntários Telefônica, ação onde a Filosofia Elos foi aplicada de forma inovadora no voluntariado corporativo, envolvendo 2 mil voluntários.

A best seller Americana Margaret Wheatley dedicou capítulo do seu livro “Walk Out, Walk On” às ações do Elos A metodologia desenvolvida pelo Instituto Elos é citada na pesquisa de abrangência nacional “O Sonho Brasileiro” realizada com jovens de todo o país


**FILOSOFIA ELOS é o conjunto de 7 passos Olhar, Afeto, Sonho, Cuidado, Milagre, Celebração e Re-evolução que guia todas as ações do Elos. Apoiada sobre nossos princípios e crenças, foi desenhada a partir de nossas experiências junto a diversas comunidades.

2013

Ampliação do conjunto de ferramentas desenvolvido a partir da Filosofia Elos: Carta dos Elementos, Baralho da Filosofia Elos, Mapa de Re-evolução, e aperfeiçoamento do Jogo Oasis, apontam tendência a investir na continuidade dos projetos e formas de garantir autonomia de comunidades e Guerreiros após as ações realizadas com o Elos.

Avaliação através de consultorias especializadas do posicionamento da marca Elos, da sustentabilidade financeira e da estrutura da organização. Consolidação de programas e prestação de serviços de longa duração. Lançamento da versão virtual do Jogo Oasis. Organização do Festival Elos, sobre comunidades, e do Giftival, encontro internacional sobre a cultura da dádiva. O Espaço Elos começa a ser utilizado como lugar para cursos e encontros dos Guerreiros Sem Armas.

Aplicação da Filosofia Elos em dois projetos de continuidade marcam o ano da organização: com o Comunidades Empreendedoras trabalhamos o desenvolvimento local com as 4 comunidades anfitriãs do GSA 2014, e o piloto da Jornada de Re-evolução oferece a jovens egressos do GSA 2014 e do Círculo de Re-evolução uma estrutura de apoio para o desenvolvimento dos seus projetos. Ambas as experiências com duração de 18 meses.

2016

2014

2015

A Fundação Banco do Brasil premiou o Jogo Oasis como ferramenta de política pública A organização internacional Oxfam reconheceu o Jogo Oasis e o Elos como uma das duas melhores práticas apoiadas naquele ano em cerimônia realizada na Holanda

Com Espaço Elos queremos construir nossa base de formação. Nossa sustentabilidade financeira passou a ser pensada em termos de doação, através do Guardiões da Transformação. A expansão internacional do nosso propósito é consolidada com a criação do Elos Foundation e programas desenvolvidos para a comunidade internacional.

9


O que o Elos faz

Somos uma organização com foco na transformação em comunidade

10

Fazemos parte de uma rede mundial de pessoas

A nossa paixão é desenvolver experiências de aprendizado que ativam a capacidade das pessoas de transformar


COMUNIDADES Created by Yorlmar Campos from the Noun Project

GOVERNOS Created by Adrien Coquet from the Noun Project

EMPRESAS

Somos movidos por criar diariamente soluções para desafios sociais

Created by Becris from the Noun Project

PESSOAS

Conectamos pessoas, empresas, governos e comunidades para construir o melhor mundo: aquele que é bom pra você, para o outro e para o planeta! 11


O Instituto Elos tem 16 anos de experiência em formação e mobilização comunitária com resultados comprovados em diferentes contextos no Brasil e no mundo

12


Tem uma filosofia e um jeito de atuar validados há mais de 10 anos

O Elos resgata um pouco da humanidade que existe em cada um de nós, que a gente esquece. Falo de você ser humano não só no sentido de compaixão, mas no sentido de você se identificar com a possibilidade de sonhar, de imaginar, de transformar, de evoluir. Você se conecta com as pessoas e tem um senso de humanidade, de conexão, de pertencimento. De se sentir muito próximo de pessoas muito diferentes. - CLIENTE DO SETOR PRIVADO

Temos programas consolidados e criamos soluções de impacto para desafios sociais em curto prazo de tempo com cases expressivos de transformação a longo prazo.

Possuímos abertura em mais de 360 comunidades no Brasil, América Latina, Europa, África e Ásia, que já receberam algum trabalho com a Filosofia Elos.

Criamos tecnologias sociais como o Jogo Oasis, premiada pela Fundação Banco do Brasil, além de uma plataforma de Jogos de Transformação.

13


CRIAMOS O AFETO antes do medo e do julgamento

RECONHECEMOS E CELEBRAMOS a contribuição de cada um na conquista coletiva

PROJETAMOS JUNTO cuidando ao mesmo tempo de nós mesmos, do outro e de um sonho comum

Afeto

Celebração

Cuidado Sonho Olhar

Aprendemos a OLHAR A ABUNDÂNCIA onde muitos veem escassez

Como o Elos faz 14

VALORIZAMOS O SONHO como o melhor impulso para a mudança

Milagre COLOCAMOS A MÃO NA MASSA, cooperando para tornar real o que sonhamos juntos

Tudo o que fazemos tem como base a Filosofia Elos, que busca sempre criar um cenário de abundância e reconhecer os talentos e recursos disponíveis para transformar sonhos coletivos em realidade

Re-evolução E EVOLUÍMOS NA JORNADA, impulsionando a CONSTRUÇÃO DE NOVOS SONHOS!


Porque o Elos faz Cultivamos relações afetivas, empáticas, à distância de um abraço, do olho no olho.

Aprender a transformar é o que nos move e para nós o melhor método é realizar juntos!

Descobrimos que a transformação começa na sua própria atitude. É preciso mergulhar em si mesmo com um olhar de abundância, para encontrar nos desafios as melhores oportunidades para se desenvolver.

Acreditamos na parceria, na cooperação e na convivência. Valorizamos o saber, o fazer e o prazer compartilhados.

15


Sonho Maior:

Espaço

Desde 2000, trabalhando com lideranças, jovens e comunidades no Brasil e em outros países, percebemos que para realizar sonhos maiores e garantir a continuidade de tantas iniciativas era preciso envolver os diferentes setores da sociedade, inspirar pelo exemplo e criar lugares de encontro para cultivar as melhores virtudes humanas e práticas de uma vida sustentável em comunidade.

Elos

Num mundo de asfalto e concreto, fumaça e ruído, nós oferecemos o contato com a Natureza, o pé na terra, a área verde. Num mundo de e-learning e ensinamento a distância, nós propomos aprendizagem afetiva: olho no olho, trocas, presencial. Num mundo de competição e busca de sucesso individual, nós acreditamos na cooperação, no coletivo, no saber compartilhado. Num mundo de correria, nós também vamos correr! Vamos acelerar muito. Fazer acontecer JÁ, porque temos muita urgência. Uma corrida pré-meditada, pré-sonhada, pré-planejada. Vamos correr intensamente e conscientemente, com o prazer e o gosto da aventura de estar realizando deliberadamente o mundo que sonhamos.

16

- RODRIGO RUBIDO ALONSO

O ESPAÇO ELOS nasce para ser um exemplo concreto do mundo que sonhamos, uma experiência inovadora de viver em comunidade e acolher a diversidade. Nossa equipe pratica a Filosofia Elos no dia a dia, e nosso modelo de aprendizado é a ação, através da experiência vivida.


É neste local que vamos convidar pessoas de diferentes lugares do mundo para compartilhar e construir referências de uma visão de abundância no planeta hoje, seja: - no Espaço físico em si, inspirando pela bioarquitetura e sistemas ecológicos; - nas Vivências, Imersões e Intercâmbios fortalecendo o desenvolvimento humano e a construção coletiva na diversidade; - no Desenvolvimento Territorial, colocando em prática projetos participativos e de governança comunitária para cultivar e materializar sonhos do melhor mundo na escala local, a partir dos eixos socioambiental, sociocultural e socioeconômico.

O terreno está localizado no centro geográfico da Ilha de São Vicente, em uma área de 18.000 m2 de Mata Atlântica preservada, no Morro da Nova Cintra em Santos. Para nós, isto se reflete de maneira simbólica, por ser um lugar onde podemos vivenciar as qualidades dos 5 elementos referenciados na pedagogia indígena – terra, água, fogo, ar e nhanderekó, nos conectar com nossa natureza interna e nos abrir para viver a abundância, já que o lugar é um reflexo vivo destas relações.

17


BALANÇO FINANCEIRO APLICAÇÕES FINANCEIRAS

1%

R$ 18.036,37

DOAÇÕES

16%

1% 8%

R$ 29.864,63

DOAÇÕES

R$ 238.917,01

R$ 288.581,88

25%

CONVÊNIOS E PROJETOS

66%

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

R$ 746.615,65

CONVÊNIOS E PROJETOS

40%

R$ 721.454,71

43%

2015

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

R$ 1.971.065,31

R$ 775.563,82

2016

origem de recursos origem de recursos ORIGEM DE RECURSOS/ RECEITAS 18

APLICAÇÕES FINANCEIRAS

aplicação de recursos aplicação de recurs


DESPESAS DIVERSAS

1%

R$ 17.960,40

10%

20%

69%

2015 recursosorigem de recursos

DESPESAS ADMINISTRATIVAS R$ 184.094,13

1,5% 12,5%

CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS R$ 354.717,96

R$ 46.270,58

DESPESAS ADMINISTRATIVAS R$ 346.328,26

25%

CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS

61%

CUSTOS DE PROJETOS

CUSTOS DE PROJETOS

R$ 1.239.267,82

DESPESAS DIVERSAS

R$ 701.069,35

R$ 1.710.609,21

2016

aplicação de recursos aplicação de recursos APLICAÇÃO DE RECURSOS/ DESPESAS 19


RELATÓRIO DOS AUDITORES INDEPENDENTES

20


GUARDIÕES DA TRANSFORMAÇÃO Com a Guardiões da Transformação queremos construir uma comunidade de apoio, inclusive para checarmos se o que estamos realizando faz sentido para mais gente. Para nós, é realmente essencial neste momento trabalhar junto com muito mais pessoas. Nós estamos em um ponto de virada com várias possibilidades e muitos desafios. Para realizar programas como o Guerreiros Sem Armas, fazer o trabalho nas comunidades vulneráveis, construir o centro de aprendizado, ficamos dependentes da prestação de serviço para empresas. Ganhamos dinheiro desta forma? Sim, mas a energia e tamanho da equipe envolvidos, acaba não sobrando tempo e dinheiro para o que a gente realmente sonha fazer. Para enfrentar os vários desafios e oportunidades para realizar o mundo que sonhamos, temos entendido profundamente que somente caminhando juntos podemos fazer a transformação. Com o nosso trabalho, mais de 450 jovens impactaram 24 comunidades no Brasil, espalharam a Filosofia Elos para mais de 40 países, trabalhando em mais de 300 comunidades no Brasil e no exterior, impactando mais de 20.000 pessoas registradas em todo o mundo. Um dos jeitos chaves para garantir continuidade do trabalho do movimento é criar uma base sólida e sustentável que segura o trabalho com a gente. Somente com apoio coletivo é que a transformação pode acontecer e estaremos honrados com sua contribuição mensal e você nos acompanhando como um Guardião de Transformação. Com 600 guardiões acreditamos que podemos realizar muitos sonhos, incluindo garantir a realização contínua do programa GSA, trabalhando com 60 guerreiros, as comunidades e suas re-evoluções. DOE:www.juntos.com.vc/pt/guardioes 21


Re /Visão

Elos

Os 15 anos comemorados em 2015, trouxeram para a nossa consciência a necessidade de uma revisão, que se volta para nossa trajetória e apontou caminhos para os próximos 15 anos. As principais ações nesse sentido foram:

- Criação do Conselho Consultivo - O significado da marca ELOS - Sustentabilidade Financeira - Estrutura da Instituição

22

A CRIAÇÃO DO CONSELHO CONSULTIVO DO ELOS Há muito tempo falávamos em ter um Conselho Consultivo que nos apoiasse na discussão e solução de questões estratégicas da gestão do Elos. Em 2015, após 15 anos de fundação, com uma equipe de mais de 20 pessoas e sonhos grandes para os próximos 15 anos, achamos que era a hora de dar esse passo e buscar apoio de pessoas com mais experiência em gestão. Convidamos pessoas que já geriram organizações, empreenderam, acertaram, erraram e que, acima de tudo, têm nossa confiança, admiração e sabíamos que embarcariam com a gente no sonho do Elos. Assim formamos esse time de quatro pessoas incríveis, que juntas reúnem experiências variadas e carreiras de sucesso nos 3 setores. O Conselho é um provocador da evolução do Elos. Às vezes damos desculpas muito boas a nós mesmos do porque deixamos de fazer alguma coisa, e eles nos trazem uma disciplina de reflexão sobre a gestão e o monitoramento da execução do planejamento estratégico do Elos, sempre olhando para o futuro, trabalhando para construirmos a organização que queremos ser, e não apenas tocando o dia a dia. Agradecemos profundamente por esta relação de troca, de aprendizado e de afetos mútuos.


Maurício Escobar José Guimarães Monforte Economista formado pela Universidade Católica de Santos, é sócio da Emax Consultoria, presidente do Conselho Consultivo do Instituto Elos e do Conselho Consultivo da Premix e membro do Conselho Consultivo da Escola Britânica de Artes Criativas, do Conselho de Administração da OTP S.A.,. do Comitê de Governança Empresas Estatais da BM&F Bovespa, do Conselho Deliberativo do IDIS-Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social e do Conselho Editorial da Harvard Business Review Brasil.

Aser Cortines Sócio da Cortines&Sebastiá Assessoria em Gestão Empresarial e Conselheiro de algumas organizações do terceiro setor, foi vice-presidente de Desenvolvimento Urbano da Caixa Econômica Federal por seis anos, professor da Faculdade de Economia da UFF por 30 anos e também Professor da Pós-graduação em Engenharia da COPPE/UFRJ, do MBA do IBMEC/RJ e da Pós-graduação da FGV. Foi diretor e facilitador dos programas para executivos da Amana-Key por quatro anos e da Universidade da Experiência por um ano.

É formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), em São Paulo, onde também tornou-se Mestre em Marketing. Após um período trabalhando como Gerente de Projetos em um grande banco nacional, iniciou carreira como empreendedor, primeiro como sócio da Virtual Case, na área de internet, e desde 2003 no setor de educação. É sócio-fundador e vice-presidente da Anima Educação.

Danielle Fiabane Mestre em Administração Pública e Governo e graduada em Administração de Empresas na EAESP da Fundação Getúlio Vargas, com cursos de especialização na Harvard Kennedy School, Schumacher College, CEATS - FIA/USP e Proteus Institute/Instituto Fonte. Consultora autônoma no campo de planejamento, governança e avaliação de iniciativas de filantropia (familiar e empresarial), responsabilidade corporativa e sustentabilidade, em organizações como o Gife, Instituto Samuel Klein, Raia Drogasil, Bauducco e Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal. Como executiva esteve por 4 anos à frente do Instituto Asas, voltado ao empreendedorismo social juvenil. Antes, liderou por 8 anos, a implantação e gestão do Instituto Criar. Além do Instituto Elos, também é conselheira do Projeto Guri e do Bike Anjo.

23


MARCA

ELOS

-Dervish

Para posicionar a marca Elos perante seus diferentes públicos foi contratada a consultoria da Dervish Cultural Insights. De acordo com o diagnóstico, nossos públicos têm dificuldade de explicar quem é o Elos e o que ele faz, mas tentam fazer isso de formas diferentes: GOVERNO: o Elos é uma consultoria que contribui com a conexão com a população e com a diminuição de pressão, que gera relações de confiança, que traz motivação para fazer acontecer já. EMPRESAS: o Elos é uma empresa que ajuda a mobilizar comunidades. O Elos é aprendizagem “fazedora”. Elos é uma filosofia. Uma filosofia (que) acredita que o aprendizado está entre nós.

24

A Dervish mostrou que nossa origem, história e a filosofia da marca nos colocam como uma instituição que vive valores emergentes e, mais do que isso, propõem que todos vivam a construção, hoje, do mundo que queremos. Essa conexão com valores emergentes a alcançar um alto potencial inspirador, podendo, assim, assumir ainda mais a posição de marca catalisadora de transformações. A grande surpresa para todos foi sermos reconhecidos pela área de Educação/ Formação. Este conceito está no centro da criação do Elos, que surgiu para dar prosseguimento ao Guerreiros Sem Armas. De acordo com a Dervish, Trans-formar > “Formar” > pertence ao universo da educação. Ao final, ganhamos um presente incrível: o Manifesto Elos!


É possível transformar o mundo que vivemos no mundo que sonhamos? Com esta pergunta simples na cabeça, nós decidimos agir e acabamos aprendendo no caminho. Ainda estudantes, assumimos a responsabilidade pela nossa própria aprendizagem. Ultrapassamos o papel de simples receptores de conhecimentos e DESCOBRIMOS QUE TRANSFORMAÇÃO SE APRENDE FAZENDO.

Manifesto Elos

CONVIDAMOS VOCÊ A DESCOBRIR QUE SIM É POSSÍVEL TRANSFORMAR O MUNDO. Aprender a transformar é o que nos move e para nós o melhor método é realizar juntos! Pois, o aprender se dá no caminho, em um movimento contínuo entre sonhar, realizar, refletir, compartilhar e tornar a fazer. Descobrimos que a transformação começa na sua própria atitude, na forma como você vive a sua experiência. É preciso mergulhar em si mesmo com um olhar de abundância, para encontrar nos desafios as melhores oportunidades para se desenvolver. Acreditamos que a transformação mais valiosa acontece na interação com as pessoas na vida real. A relação com o outro nos faz aprender sobre nós mesmos. Cultivamos relações afetivas, empáticas, à distância de um abraço, do olho no olho. Consideramos que a transformação é potencializada e ganha mais significado quando acontece em comunidade. Acreditamos na parceria, na cooperação e na convivência. Valorizamos o saber, o fazer e o prazer compartilhados. Celebramos a diversidade e construímos a união e a confiança entre pessoas diferentes, para que o coletivo evolua e se torne comunidade. Resgatamos nossa conexão com a natureza para reconhecer que somos parte da comunidade vida. Na interação direta com a mata, com os mares e com os rios, nos encontramos com a nossa própria natureza interna. Buscamos na sabedoria ancestral indígena o aprimoramento das qualidades humanas que se desenvolvem fora do mental, mas no físico, no emocional e no espiritual. Assim, entendemos que a transformação precisa acontecer integrada a uma finalidade maior, como a realização de um sonho partilhado por muitos. Quando tudo o que fazemos e aprendemos está a serviço de construir um mundo maravilhoso para todas as pessoas e para toda a comunidade vida. Essa construção é a transformação que estamos aprendendo a fazer, realizando já! Porque sabemos que quando nos lançamos em busca de um sonho impossível, quando persistimos frente ao desconhecido, a transformação acontece e realizar o melhor mundo que podemos sonhar se torna possível. ELOS, TRANSFORMAÇÃO EM COMUNIDADE.

25


SUSTENTABILIDADE

FINANCEIRA

- Luciana Bobadilha (GSA 2014) e Bia Araújo

Um dos temas mais urgentes para nós é o equilíbrio entre atender nossa demanda por crescimento, nosso propósito, e nossa sustentabilidade financeira. Luciana Bobadilha e Bia Araújo analisaram profundamente nossa história para apontar possibilidades de continuar nosso trabalho com sustentabilidade financeira. Para mostrar todo nosso potencial, Luciana e Bia fizeram o exercício da Bússola, que mostra o que queremos e não queremos no futuro, quais nossos aliados e recursos disponíveis.

26


Nosso Futuro

O Instituto Elos é um centro de aprendizagem que educa pessoas para transformar comunidades. É uma rede mundial de pessoas que constrói coletivamente o melhor mundo para você, para o próximo e para o planeta. Ativa a capacidade das pessoas de transformar sonhos em realidade. Promove revoluções pessoais e transformações coletivas. O Instituto Elos é um espaço de encontros, onde a cultura organizacional é permanente e coletivamente alimentada por parcerias éticas e de longo prazo, construídas a partir de sua clareza de propósito. A cultura Elos vê valor no relacionamento “de pessoa para pessoa” comunica isso claramente para os parceiros.

Nossos Aliados

O Elos está em busca de aliados que contribuam com Recursos Financeiros e também com Desenvolvimento da Equipe, Desenho de Indicadores, Campanhas de Comunicação e/ou Marketing, Assessoria de Imprensa, Construção de um Espaço, Análise de Dados. Parceiros institucionais dispostos a correalizações, como Escolas de Negócios, Universidades, Fundo de Bolsas, Alimentação, Hospedagem, Transporte.

O Elos é modelo de negócio social, referência de inovação, de mobilização coletiva para realização de sonhos, de movimento de jovens interessados em conhecer o mundo por meio de suas pessoas. O jeito de fazer Elos é junto. O Elos quer relações construídas a partir da confiança. Sua intenção de “fazer para dar certo” é legítima e está na base de todas as suas ações. As áreas técnicas do Elos estão apenas a serviço de um propósito maior.

BÚSSOLA Nosso Passado

Não queremos mais ter frutos grandes e pesados nem manter galhos finos. Não queremos parceiros que estejam junto com a gente APENAS pelas contrapartidas configurando o relacionamento como uma contratação com fornecedor. Não estamos dispostos a fazer coisas que não colaborem com o nosso propósito.

Nossos Recursos

O Instituto Elos tem 16 anos de experiência em formação e mobilização comunitária com resultados comprovados em diferentes contextos no Brasil e no mundo. Tem uma filosofia e um método validados há mais de 10 anos. Tem programas consolidados e cria soluções de impacto para desafios sociais em curto prazo - faz acontecer já!, além de cases expressivos de transformação a longo prazo. Tem o propósito como balizador de todas as suas decisões e parcerias. Tem uma equipe multidisciplinar capacitada para facilitar processos de aprendizagem e mediar conflitos comprometida com o construir relacionamentos duradouros e cuidar das relações afetivas. Compreendemos que apenas trabalhando juntos podemos enfrentar os muitos desafios e oportunidades para construir o mundo que todos sonhamos.

Além de uma lista de prospecção de empresas, a consultoria indica que temos que colocar em cada proposta de trabalho um percentual para apoiar os programas que desenvolvemos, assim como aprofundar nossa campanha de doação recorrente de pessoa física, chamada Guardiões da Transformação. Como resultado prático, contratamos uma profissional para cuidar exclusivamente deste tema.

Não temos interesse em “enganar” a comunidade. Não somos técnicos. Não queremos depender de contratos pontuais nem de curto prazo. Não queremos depender só de empresas.

27


ESTRUTURA,

Como fazemos

por Hânia Ribeiro

Acreditamos que é possível construir o mundo que todos sonhamos a partir de toda riqueza e diversidade existente, uma visão construída a partir do que chamamos de LÓGICA DA ABUNDÂNCIA.*

Em 2009, a consultora Hânia Ribeiro propôs que a atuação do Elos acontecesse através de núcleos, diretamente conectados ao nosso propósito.

Para materializar esta visão de melhor mundo, o Elos se estrutura em quatro esferas estratégicas, que animam os núcleos de ação e gestão da organização: NÚCLEO DE RELACIONAMENTO

Com pessoas: conectando sonhos, desenvolvendo estratégias e compartilhando informações que as levem a ação; celebração fogo interior

pro ati vi da d

.

impulsionar o movimento

CONSOLIDAÇÃO

de fazer acontecer já

re-evolução

afeto interdependência

o mundo que todos sonhamos

dade . cooper açã lari o emp ex

empatia . con fia nç a

.

REALIZAÇÃO

RELACIONAMENTO

abundância

DESIGN

sonho

r ut ze opi pra a . precisão . entusiasmo

28

o açã ag op pr

o ent im lh o ac

e

com un hã o

olhar

NÚCLEO DE DESIGN

Com metodologias: criando caminhos para

realizar sonhos coletivos valorizando o prazer, a beleza e a vida;

NÚCLEO DE REALIZAÇÃO

milagre

Com ações: construindo exemplos de transformação

de espaços e relações a partir de talentos, recursos e sonhos locais, com cooperação alegria e beleza; NÚCLEO DE CONSOLIDAÇÃO

cuidado

Com estratégia: impulsionando e

re-evolucionando as ações do Instituto Elos, fortalecendo sinergias e maximizando resultados.


*LÓGICA DA ABUNDÂNCIA é uma forma de enxergar o mundo através de um olhar apreciativo, identificando soluções possíveis e inclusivas, aplicando e otimizando o uso dos recursos que já estão disponíveis.

APRENDIZAGEM

No Planejamento de 2015, ela propôs um aprofundamento deste modelo, com uma atuação também em frentes.

APRENDIZAGEM

Empreender oportunidades de convivência que inspirem e disseminem o propósito e a Filosofia Elos em ações que semeiem desenvolvimento e despertem a consciência. PESSOAS, INICIATIVAS EDUCACIONAIS E PEDAGÓGICAS, CENTROS DE ENSINO E APRENDIZAGEM

MOVIMENTO

RELACIONAMENTO

CONSOLIDAÇÃO

Empreender visando compartilhar e difundir o propósito e a Filosofia Elos em ações coletivas transformadoras. JOVENS e COMUNIDADES

REALIZAÇÃO

DESIGN

SOLUÇÕES

MOVIMENTO

SOLUÇÕES Empreender visando promover e valorizar o propósito e a Filosofia Elos em ações de suporte que contribuam para a melhoria das estratégias, processos e relações de instituições e organizações do mercado e de governo. EMPRESAS, GOVERNO, ORGANIZAÇÕES 29


ELOS

FOUNDATION A mudança de Elos Nederland para Elos Foundation foi fruto de um intenso processo, que culminou em um braço internacional com o objetivo de impulsionar a rede de Guerreiros Sem Armas, desenvolver projetos interlocais, assim como captar recursos para a realização de projetos do Instituto Elos em todo mundo.

Com a mudança de nome, não dizemos adeus às nossas raízes holandesas, mas sim vamos em busca de estar a serviço da rede mundial de Guerreir@s que une pessoas que estão conosco na jornada coletiva de tornar o mundo no lugar que todos sonhamos - NIELS KOLDEWIJN Para este momento de transição, Niels não esqueceu das pessoas que fizeram parte desta história. “Em primeiro lugar, quero agradecer e homenagear algumas pessoas especiais, que estiveram com a gente nos últimos anos, construindo conjuntamente a base forte para este novo momento da Elos Foundation. Um agradecimento especial a Edo van der Kuur, que co-fundou o Elos Nederlands, em 2011, e trabalhou com a gente nos primeiros anos e aos nossos primeiros membros, como Valentine Giraud (ainda continua forte!), Eelke Visscher (membro até 2013), Sophie Kiesouw (20112012) e os nossos membros atuais, Tatiana Glad e Andre Hagendijk”. Niels reconhece toda comunidade do Oasis Holanda, com quem foi realizado grandes projetos em conjunto. “Dentro deste belo grupo, um agradecimento especial para aqueles que trabalharam oficialmente para a equipe Elos Holanda com sua dedicação, cuidado, criatividade e paixão: Jeske de Kort, Mara Verduin, Neza Krek, Marieke van der Velden e Sophie Kiesouw”. 30

Dentre as muitas organizações parceiras, agradecimentos especiais à E-Motive e Carin Boersma, por apoiar o primeiro Oasis Training Internacional; Stichting DOEN, especialmente Nicole, que financiou o desenvolvimento de materiais de muitos Jogos Oasis; União Europeia e Erasmusplus-NL por apoiar vários programas de intercâmbio e parcerias estratégicas que acenderam o sonho do Elos ser cada vez mais internacional; Usona e Ron Oei por fazerem parte da realização do primeiro Oasis Training no Caribe, que contribuiu imensamente para a disseminação da Filosofia Elos.

O Elos Foundation naturalmente vai se tornar uma parte importante na disseminação da Filosofia Elos em todo o mundo, apoiando o movimento de expansão com vários programas, iniciativas e serviços para pessoas comprometidas com a transformação. - RODRIGO RUBIDO


31


E-MPULSE 4

47

3

32

intercâmbios no Brasil

pessoas formadas

intercâmbios na Europa

pessoas formadas

250 pessoas impactadas

3 encontros

O Jogo E-mpulse, parceria entre Instituto Elos, Elos Foundation, Altekio e GSA Madrid é um desafio para desenvolver projetos on-line e off-line criado para apoiar um grupo selecionado de iniciadores sociais a construir parcerias para desenvolver suas ideias, sonhos e projetos para mudar o mundo. O processo é desenvolvido com o apoio de E-motriz, uma rede mundial de matchmaking para soluções sociais inovadoras. Os participantes, ao longo de 4 meses, responderam a 7 desafios em uma plataforma online e receberam apoio para construir um plano poderoso somado a uma proposta de parceria irresistível. O foco foram projetos com potencial de colaboração internacional. O jogo E-mpulse ocorreu de 15 de junho até metade de outubro. A celebração final foi um festival, em novembro, onde 20 participantes apresentaram seus projetos para uma multidão de parceiros.

E-MPULSE GAME:

Saiba sobre mais em

35

15

participantes

projetos Created by Ralf Schmitzer from the Noun Project

em

12 países do mundo

http://www.elosfoundation.org/in-action/5-cases-of-impact/e-motive-and-elos.html

PATROCÍNIO:

REALIZAÇÃO:

32


33


GO DEEP No início de 2016, o Elos e Elos Foundation fizeram um projeto piloto para descobrir o poder de reunir a Filosofia Elos / Jogo Oasis e Process Work / Deep Democracy. A história começou depois de uma reunião de Guerreiros Sem Armas europeus, em 2014, para fazer uma proposta para a Erasmus+, da União Europeia, que foi escrita e aprovada com o apoio da organização italiana Xena. Com esse apoio, a rede reuniu-se em fevereiro de 2016 no Field Studies Centre - FSC na Escócia, para ser apresentado e receber um treinamento de Process Work. Pat Back e Andy Smith foram os incríveis facilitadores e parceiros do projeto que abriram nossos olhos para o poder que esta metodologia pode trazer no Jogo Oasis, em especial no processo de Re-Evolução. Nossos representantes foram Paulo Farine Milani e Niels Koldewijn. A psicologia orientada para processos, também chamada de Process Work, é uma teoria da psicologia a partir de um conjunto de técnicas desenvolvidas por Arnold Mindell, e tem sido aplicada em uma variedade de contextos, incluindo a terapia individual e trabalhos com grupos e organizações. É conhecido por estender a análise de sonhos às experiências corporais e aplicar a psicologia para questões mundiais, incluindo disparidades socioeconômicas, questões de diversidade, conflitos sociais e liderança. As organizações parceiras do projeto são: Xena (Itália), Altekio (Espanha), Comunicazione Italy (Itália), Diversity Matters (Escócia), Elos e Elos Foundation. Após o primeiro encontro, os parceiros colaborativos construíram um cronograma para aplicar até junho de 2017: Os resultados esperados do programa GO DEEP são que usamos metodologias e a experiência para construir uma ferramenta que conta programa de aplicação e jogo (off-line e on-line) para o desenvolvimento de comunidades voltadas para os jovens. Saiba mais: https://godeepproject.wordpress.com/methods/process-work/

PATROCÍNIO:

PARCEIROS: 34

Elos Foundation, Elos, Altekio, Xena Centro Scambi, Dinamiche interculturali, Comunitazione, Diversity Matters


CEAL PORTUGALETE

21 LEIPZIG

participantes

27 SAN MARTIN

participantes

27 FROME

participantes

40 ULTRECHT

GENT

participantes

6

sonhos

3

sonhos

6

sonhos

sonhos

7

20

5

participantes

A base metodológica utilizada por organizações como: Gsa Madrid, Altekio, Kiribil, Ideen3, Edventure, Act4Change, ao lado do Elos e Elos Foundation, foi a Filosofia Elos e o programa “Comunidades Empreendedoras”. Do final de janeiro até junho de 2016, 6 cidades em toda a Europa, executaram projetos piloto de 2 a 3 meses em comunidades locais, usando a experiência e os resultados para criar um modelo de aprendizagem e ação para instituições educacionais formais ou não, promovendo a colaboração entre alunos e jovens desfavorecidos nas comunidades. Saiba mais em: http://ceal.eu/

PATROCÍNIO:

4

27

participantes

Um dos projetos mais bem sucedidos no ano, em nosso cenário internacional, foi CEAL-Network, uma parceria entre 6 organizações de 5 países, que contou com o apoio da União Europeia, para desenvolver e testar um programa de educação onde jovens de comunidades e universidades aprendem em conjunto a realizar projetos comunitários com dimensão socioeconômica.

PARCEIROS:

sonhos

sonhos 35


OASIS TRAINING ZIMBÁBUE 36

participantes

200

pessoas na mão na massa

3

sonhos

Oasis Training é um programa intensivo de 8 dias de duração, realizado de 27 de junho a 5 de julho, com o objetivo de mostrar para os jovens africanos como atuar em comunidades de maneira prática. Os 30 participantes do Zimbábue e de outros países africanos participaram de uma experiência de aprendizagem guiada envolvendo as comunidades em processos participativos com a implementação de soluções colaborativas que possam conduzir novas práticas de liderança em sua vida profissional e pessoal através da Filosofia Elos e Jogo Oasis. Os participantes conseguiram mobilizar mais de 200 membros da comunidade na construção de um projeto coletivo. Mais sobre os participantes voltar para suas próprias comunidades para replicar o trabalho, com base em sua experiência adquirida e habilidades, criando uma onda de ações em todo o Zimbábue e África.

36


Se reunir é o começo, trabalhar junto é onde está o grande poder - DAVID

Antes eu pensava que quem tem dinheiro tem tudo, mas aqui descobri que se você tem comunidade e amor você tem tudo! - RACHID

Eu aprendi que trabalhar em comunidade é sobre perguntar: o que nós podemos fazer juntos? Mesmo que a decisão não seja aquela que eu queria - BRIDGET

REALIZAÇÃO:

37


Projetos No biênio 2015/2016, além dos nossos cursos de principais, como o Guerreiros Sem Armas e Novos Líderes, foram criados dois novos programas: Comunidades Empreendedoras, voltado para o desenvolvimento local, e Vivência Oasis, que tem como objetivo uma experiência viva com a Filosofia Elos e Jogo Oasis, e que se tornou nosso carro-chefe de serviços para empresas e instituições.

- Guerreiros Sem Armas - Caminho da Expansão - Novos Líderes - Comunidades Empreendedoras - Vivência Oasis - Elos nas Escolas

38


GUERREIROS SEM ARMAS 2015 58 jovens

22 países

A Re-Evolução do mundo que todos sonhamos Nesta 9a. edição do GSA, abordamos com mais profundidade o contexto do mundo em que vivemos, criando um espaço para visualizarmos juntos as questões que estão na raiz do sistema social, político e econômico em que estamos inseridos. Queremos construir o entendimento de como a ação local de construção de um sonho de uma comunidade está conectada com um processo de mudança sistêmica, que pode ser ampliada para o contexto de mundo. O mundo que todos sonhamos implica necessariamente em uma transformação profunda do sistema e estruturas que estão se mostrando incapazes de lidar com a complexidade da vida.

3 comunidades Created by Yorlmar Campos from the Noun Project

Considerando que o Guerreiro Sem Armas é aquele que impulsiona o movimento de fazer acontecer já o mundo que todos sonhamos, é fundamental trazer à consciência os impactos de nossas ações. O participante vivencia um processo que chamamos de “desenvolvimento do indivíduo no coletivo”. Entendemos que a Jornada do Guerreiro Sem Armas é um caminho de descobertas de quem somos enquanto indivíduos e comunidade, e de aprofundamento do que precisamos fazer já para construir o melhor mundo.

JOSÉ MENINO

52%

40%

BRASILEIROS

7

200 pessoas na

sonhos odarP siuL yb detaerC tcejorP nuoN eht morf

mão na massa

HOMENS

3 reuniões

48%

EUROPA

60% MULHERES

ESTRANGEIROS

comunitárias

Alemanha Bélgica Eslovénia

8

Espanha França

Grécia Holanda Itália Polónia Portugal

Reino Unido República Checa Suécia

Suíça Turquia

MORRO DO TETEU

7

200 pessoas na

sonhos odarP siuL yb detaerC tcejorP nuoN eht morf

mão na massa

3 reuniões

comunitárias

2 E CARIBE

Canadá

Estados Unidos Mexico

Aruba

Curaçao

34

VILA CHARM’S

8

200

sonhos

pessoas na mão na massa odarP siuL yb detaerC tcejorP nuoN eht morf

AMERICA DO SUL

3 reuniões

comunitárias

2 ÁSIA

1 AMERICA CENTRAL

AMERICA DO NORTE

Argentina

Bolívia Brasil Colômbia Chile Paraguai

30

Perú

Uruguai

Coréia do Sul Índia

8

Paquistão Vietnã

ÁFRICA

África do Sul Egito Gana

Guiné Bissau Líbia Nigéria

Quênia Ruanda

Zâmbia Zimbábue Países GSA 2015 Países de outras edições do programa

39


GUERREIROS SEM ARMAS 2015

VILA CHARM’S (SÃO VICENTE) A Vila Charm’s fica localizada em São Vicente e é conhecida assim por causa do motel de mesmo nome na entrada da comunidade, que faz parte da Vila Jóquei. A população do lugar sofre com os constantes alagamentos da área, que foi construída sobre um córrego, além de questões de saneamento básico. Há muito entulho espalhado ao longo das suas vielas, que são um recurso importante para os moradores construírem defensas na época de chuvas. Por outro lado, impressiona o cuidado que toda a comunidade tem com suas crianças. Tanto que um menino chegou para um dos participantes do GSA no Show de Talentos e perguntou: “tô bonito?”. Sim, ele estava, e neste pequeno gesto mostrou como é verdadeiro este sentimento. A grande maioria dos sonhos coletivos da comunidade tem como principais beneficiados os mais jovens.

40


sa mb

a ub at ai

PARQUINHO a cab ral

1

de al meida

r. sac adur

r. josé ran ge l

r. a m a deu

Em quatro dias de mão na massa, uma praça foi reformada, os brinquedos e mesas de convívio foram refeitos, e foi pintado o mural. Na outra frente de trabalho, um centro cultural começou a ser erguido, e foi terminado pelos moradores depois. O campo de futebol ganhou traves com rede, um alambrado foi colocado r.em gagvolta o coutde toda a quadra, além da pintura de inh um muro do ooutro lado da rua.

. av

de que ir ó s

r. sant os dum ont

2

r. penedo

CULTURAL

do

r. miguel do s c

eira

r. rio largo

alm r. p

CENTRO

41


GUERREIROS SEM ARMAS 2015

MORRO DO TETÉU (SANTOS) O Tetéu é considerado um dos lugares mais perigosos de Santos. Muita gente ficou espantada com a nossa escolha, dizendo que não conseguiríamos nem subir lá. O grande desafio do local é que é uma área considerada pelo Ministério Público ilegal, apesar dos mais de 30 anos de ocupação, o que impede a construção, por exemplo, de escola e creche. O que tocou a todos foi a maneira com que foram recebidos. Em pouco de tempo, tivemos este depoimento:

Gostaria de compartilhar a estranha sensação que estou tendo nestes dias aqui na comunidade, que é de segurança. Me sinto muito mais seguro aqui do que no meu próprio bairro. Estou vendo as pessoas à vontade nas ruas e as casas com portas e janelas totalmente abertas, não há nenhuma tensão nem medo. Estou muito à vontade, assim como os moradores.

42

- TÚLIO NOTINI | GSA 2015


CENTRO CULTURAL

2 1

3

QUADRA

nça era esp da

ca m inh o

caminh o

são jo rge

R. das pedras

PARQUINHO

caminho são jorge

Em quatro dias de mutirão, foi feito um trabalho de limpeza de entulhos, remoção do matagal, nivelamento do terreno, para dar lugar para uma horta, área de convívio e parque para crianças, com brinquedos feitos de bambu. Em outra frente de trabalho, os muros e pisos da quadra esportiva foram pintados. Destaque para a construção de um Centro Cultural, onde foram feitas a fundação e levantamento de paredes. O espaço será finalizado pela comunidade. 43


GUERREIROS SEM ARMAS 2015

MORRO DO JOSÉ MENINO (SANTOS) A vista do Morro do José Menino é uma das mais bonitas da cidade, por ser um dos pontos mais altos na divisa entre Santos e São Vicente. Lá temos a rampa de asa delta, ponto tradicional da prática do esporte. Entre os maiores desafios estão a falta de terrenos livres para a construção de áreas de lazer para jovens. No entanto, temos as belezas naturais do Morro do José Menino, a vegetação abundante que circunda as ruas. Mas o que importa muito é a participação ativa da comunidade, que foi muito receptiva desde o primeiro dia da chegada dos guerreiros sem armas por lá.

44


Em quatro dias de mão na massa, houve limpeza e nivelamento de um terreno onde antes existia um bananal, colocação de areia para quadra de futebol, de traves, construção de área de convívio e realizada pintura artística no muro. A entrada principal ganhou pintura da escadaria, um mirante e paisagismo. Destaque para a primeira edição da Feira do Morro José Menino, com produtos locais e alimentação.

R. F

Pe dr

o

bo

R.

rg

es

Ad or no

ÁREA DE CONVÍVIO

1 go nç 3 al ve s

2

R. Oit o

os amp e C d es id cl s u ome E o G l ne oro C R. ça

FEIRA ESCADARIA

rina Cata anta R. S

R.

R. B

id nd Ca

R

R.

D

R. Set e

45


GUERREIROS SEM ARMAS 2015 PARCEIROS

APOIO INSTITUTOCIONAL: Prefeitura Municipal de Santos, Prefeitura Municipal de São Vicente, Sesc Santos, Agência Brasileira de Cooperação, Santa Casa de Santos, Fundação Arquivo Memória.

CAMINHO DA EXPANSÃO Após o programa Guerreiros Sem Armas (GSA 2015), 30 Guerreiros participaram ativamente do Caminho de Expansão, durante um ano de um programa de orientação a distância para Guerreiros de 22 países, com o objetivo de apoiar os projetos que eles vêm criando, após a inspiração e profundo processo de transformação da parte vivencial do programa. O processo incluiu 12 grupos de discussão on-line, 150 horas de treinamento direto de participantes e uma plataforma on-line com ferramentas de apoio, textos, e materiais para que os empreendedores sociais se destaquem na realização de seus sonhos. Alguns dos projetos que foram apoiados por Elos através do Caminho de Expansão incluem a implantação de todos os materiais do Jogo Oasis, na versão digital em português, inglês e espanhol. Antes da realização do Oasis Training Zimbábue, completamos 50 horas de preparação da equipe na áreas de captação, infraestrutura e divulgação do programa. Apoio na criação do projeto de 4 Guerreiros que começaram ‘Geração Mais Amor’ hospedando projetos e conversas em escolas e empresas, além de realizar vários Jogos Oasis, incluindo Recife e São Paulo. 46


NOVOS LÍDERES O Elos Novos Líderes é uma vivência intensiva concebida para provocar nas lideranças o desenvolvimento das competências necessárias para agir em ambientes complexos. O programa é marcado pelo aprendizado através da ação, e proporciona que os participantes interajam com os jovens do programa Guerreiros Sem Armas e moradores de comunidades locais. Coordenado por Rodrigo Rubido e Aser Cortines. As atividades ocorrem em período integral durante os 5 dias, com jornadas de até 14 horas, intercalando exercícios vivenciais, teoria e conversas em sala, com momentos de interação direta com as comunidades e com os guerreiros sem armas, além da participação em um mutirão de 2 dias com o objetivo de construir um sonho coletivo de uma comunidade. Em 2015, ele se tornou um programa internacional, com participantes de Curaçao, Suíça, Índia, além de brasileiros, pessoas físicas ou representantes de organizações como Sabesp, SESC Santos, a marca de moda carioca Reserva, Prefeitura Municipal de Santos e a empresa de marketing Dervish, num total de 23 pessoas. Um dos grandes ganhos do programa foi a tradução das sete disciplinas da Filosofia Elos em competências necessárias para exercer a nova liderança dentro deempresas e organizações feita por Aser Cortines.

O treino do olhar foi diferente a cada dia no processo. Como engenheiro, estou acostumado a trabalhar conforme o plano e já com os materiais disponíveis. No processo aqui foi diferente, pois a gente foi exercitando o olhar, adaptando o projeto muitas vezes, conforme os recursos disponíveis. Era impressionante ver que os recursos estavam lá! Usamos materiais de uma caçamba, e no dia seguinte ela estava cheia novamente, e dali saiu o material que precisávamos. Os guerreiros foram muito eficientes. -JOÃO PAULO | SABESP, MÃO NA MASSA NA VILA CHARM’S

47


COMUNIDADES EMPREENDEDORAS

7 edições da

6 Created by Ralf Schmitzer from the Noun Project

projetos em andamento protagonizados pelos moradores.

Created by Firman Suci Ananda from the Noun Project

25 Comunidades Empreendedoras é o programa de desenvolvimento local do Elos e teve sua primeira edição realizada dentro do Desenvolvimento Integrado e Sustentável dos Territórios da Baixada Santista (DIST) com apoio do Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal, realizado simultaneamente na Vila Progresso e Caminho da União, em Santos, Prainha, no Guarujá, e Guapurá em Itanhaém, de janeiro de 2014 a abril de 2016.

eventos abertos e oportunidades de capacitação

Created by Rockicon from the Noun Project

Created by Yorlmar Campos from the Noun Project

comunidades

mutirões comunitários de manutenção dos espaços construídos no GSA 2014.

925

4

participações Created by MRFA from the Noun Project

160

participações Created by MRFA from the Noun Project

91

4

De janeiro de 2014 a março de 2016 tivemos a oportunidade de impulsionar:

odarP siuL yb detaerC tcejorP nuoN eht morf

que uniram

5

visitas de inspiração

Feirinha Gastronomica

20

participações

vivências oasis Created by MRFA from the Noun Project

2093

246 reuniões

comunitárias

Created by MRFA from the Noun Project

de rua Created by Robert A. Di Ieso from the Noun Project

Created by MRFA from the Noun Project

Created by Made by Made from the Noun Project

959

comunitárias

participações Created by MRFA from the Noun Project

553

1oasis na escola

918 participações

87 reuniões

comunitárias

Created by MRFA from the Noun Project

Created by Luis Prado from the Noun Project

1367 participações

50 mutirões 48

odarP siuL yb detaerC tcejorP nuoN eht morf

Festivais Comunidades Empreendedoras Parceria na implantação da Promotoria Comunitária de Santos.

participações Created by MRFA from the Noun Project

Created by Ralf Schmitzer from the Noun Project

de economia solidária

Created by MRFA from the Noun Project

APOIO

81

palestrantes Created by iconsphere from the Noun Project

participações Created by MRFA from the Noun Project

participações Created by MRFA from the Noun Project

183

2

participações

8 festas Created by Vectors Market from the Noun Project

Created by matias porta lezcano from the Noun Project

1215

28 cinemas

4

1 evento

participações


CAMINHO DA UNIÃO (SANTOS)

VILA PROGRESSO (SANTOS)

GUAPURÁ (ITANHAÉM)

Galpão cultural iniciado em janeiro de 2014, durante o Guerreiros sem Armas, recebeu melhorias, lideradas por um grupo de sonhadoras(es) locais, tais como: instalação de piso, instalações elétricas, execução de banheiros e cozinha. O local passou a abrir de segunda a sexta das 9 às 17 horas com participação diária de 70 crianças para o livre brincar.

Durante o Guerreiros Sem Armas 2014 descobriu-se o sonho de iniciar um movimento cultural na Vila Progresso, a ser expandido para os morros, a partir da potencialização dos talentos locais. As ações começaram com organização de eventos temáticos comunitários, saraus, cinema mensal e cinema itinerante (sessões de cinema a serem realizadas em diferentes locais dentro e fora do bairro) e o projeto ganhou o nome de Roda VP.

Um grande sonho coletivo era criar condições legais para venda de produtos e serviços das pessoas da comunidade, fortalecendo a geração de renda para as (os) moradoras (es) do bairro. Outro ponto importante foi dar visibilidade aos talentos locais, promovendo uma imagem positiva do bairro e das pessoas que lá moram perante a cidade de Itanhaém e região.

A Horta Bons Frutos começou com um pedacinho de chão ao lado do galpão. As moradoras quiseram ampliar o espaço e conseguiram com a CPFL a cessão do terreno para implantação da horta, o Cidades Sem Fome foi contratado para dar consultoria no projeto, e o Rotary Club Santos – Boqueirão é a patrocinadora do projeto, através da doação de recursos financeiros para ferramentas e materiais iniciais. Hoje, elas vendem a produção, recebem pessoas para mutirões mensais e escolas para oficinas práticas.

A parceria com o Instituto Querô, que passou a apoiar o grupo comunitário na produção dos cinemas de rua, além de oferecer sua expertise em oficinas de audiovisual que formaram na prática pessoas de várias comunidades e idades. O resultado foi um documentário cujo tema escolhido interfere diretamente na vida de quem mora no bairro: o pagamento do “aluguel de chão”. Essa é uma aposta clara do grupo de que cultura e comunicação podem transformar vidas e fortalecer causas como o direito à moradia.

Em 2015, o grupo decidiu se desafiar e lançar um calendário anual com datas para realização da feira mensalmente. Nesse momento, houve uma ampla discussão que determinou que a feirinha seria apenas gastronômica, dada a vocação das (os) envolvidas (os). Esta definição permitiu a articulação da infraestrutura e a parceria com a Kqi Produções, especializada em realização de eventos culturais gastronômicos, para consultoria na profissionalização das (os) empreendedoras (es) e apoio na estruturação de eventos.

Quer saber mais? https://issuu.com/elos/docs/guia_das_comunidades_empreendedoras 49


VIVÊNCIA OASIS Hoje, como estratégia para nossa sustentabilidade, o Instituto Elos desenvolve projetos para empresas ou institutos, que geram recursos financeiros, ao mesmo tempo que desejamos “que estejam totalmente alinhados ao propósito, mas que a gente atua em situações que são, por exemplo, dentro de uma empresa, ou dentro de um governo. Nós levamos a Filosofia Elos para dentro de um desafio, uma questão que está num projeto de outro”, conta Mariana Gauche Motta. Ainda que esses projetos não sejam inicialmente pensados pelo Elos, o olhar que se tem para eles é de encontro de desejos comuns. “O que a gente não gosta é olhar como 100% prestação de serviço, porque prestação de serviço parece que se desvincula do propósito. Eu estou prestando serviço para o propósito do outro, e o que a gente está tentando buscar é que ele também atenda ao nosso. Na verdade é encontrar parceiros que queiram, que estejam precisando, que estejam buscando esse tipo de ação, e isso alimenta uma coisa que a gente já queria fazer.” Com o propósito de mobilizar a população, criando um vínculo efetivo com a comunidade para a construção de um sonho que valorize o fazer juntos, a Vivência Oasis promove capacitação e treinamento sobre a Filosofia Elos, desenvolvendo habilidades de empreendedorismo, liderança, olhar apreciativo, escuta ativa e cooperação. Os participantes aprendem através de atividades práticas e teóricas compostas de identificação de recursos, talentos e sonhos locais; facilitação de rodas de conversa; encontro de projeto coletivo e mutirão para realização dos sonhos em um fim de semana, e termina com um Encontro de Futuro para pensar quais ações que podem ser desenvolvidas em curto, médio, longo prazo. É um curso voltado para moradores da comunidade, escola, ONGs, governo, lideranças e empresas, com objetivo de se tornarem agentes transformadores da realidade local. No biênio 2015/2016 foram realizadas 27 vivências em todo Brasil.

50


Sabemos e temos orgulho de ter o maior porto da América Latina no nosso quintal, mas também sabemos e sofremos das suas degradações. No entanto tive medo, diferente de mim alguns moradores ficaram ressabiados, desconfiados dessa fantástica união, nas primeiras reuniões poucos moradores se interessaram e participaram de fato, mas ao longo do nosso segundo dia de formação, senti os moradores menos desarmados e mais curiosos do que de fato estaria por vir, e quando chegamos no ponto êxtase do sonho de cada um que estava na sede da Associação, as maquetes sendo produzidas no coletivo todos, sonhos e ideais reunidos , nesse momento eu tive a certeza que o elo estava fechado, o apoio da Adm, a capacidade de transformação que o Instituto Elos tem de repassar pra comunidade, os arquitetos, estudantes de arquitetura, biólogos, voluntários de longe de outras cidades, voluntários de perto inclusive de outros projetos sociais, e moradores......enfim os moradores!

- FABÍOLA | ASSOCIAÇÃO HABITACIONAL VILA SAPO

51


GVT NA PRAÇA

7 CIDADES EM 2015

6 mil

mudas plantadas

4

Created by Creative Stall

áreas de skate

12 parquinhos

50

Created by Anton Gajdosik from the Noun Project

mesas com bancos

7

Created by Calvin Goodman from the Noun Project

palcos

50 bancos

Created by Made by Made from the Noun Project

PARCEIRO:

52

Dados (2015) (2) Números referentes ao biênio 2014-2015

24 Created by Iconsparty from the Noun Project

muros pintados

9

Created by Christina Sicoli from the Noun Project

mesas de piqueniqu

3

Created by Adrien Coquet from the Noun Project

revitalizações de quadras

10

Created by Blair Adams from the Noun Project

academias de ginastica

12

Created by Alena from the Noun Project

pontos de wi-fi


GVT PORTO ALEGRE

11

sonhos

21

participantes

170

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

GVT BRASÍLIA

11

sonhos

23

participantes

160

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

GVT SANTO ANDRÉ

11

sonhos

20

participantes

250

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

GVT BELO HORIZONTE

12

sonhos

10

participantes

240

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

GVT CURITIBA

10

sonhos

30

participantes

300

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

GVT CAMPINAS

11

sonhos

12

participantes

300

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

GVT SANTOS

8

sonhos

20

participantes

150

pessoas no mutirão

4 reuniões

comunitárias

53


VIVO A PRAÇA

14 AÇÕES EM 9 CIDADES EM 2016 6.700

mudas de plantas e árvores

1 ciclovia 15 parquinhos

construídos

14

Created by NOPIXEL from the Noun Project

redários públicos

48 mesas com bancos Created by Anton Gajdosik from the Noun Project

8 bicicletários

Created by Blair Adams from the Noun Project

68 bancos e

Created by Made by Made from the Noun Project

espreguiçadeiras

5

Created by David Carrero from the Noun Project

pergolados

32 muros pintados Created by Iconsparty from the Noun Project

2 áreas para cães

10 espaços multiuso

77 brinquedos

piquenique

Created by Mark Roberts from the Noun Project

10 hortas

Created by Dániel Aczél from the Noun Project

comunitários

4

arquibancadas

54

Dados (2016)

5

Created by Rockicon from the Noun Project

gelatecas (bibliotecas comunitárias)

18

Created by Blair Adams from the Noun Project

equipamentos de ginástica instalados ginástica reformados

12 mesas de

Created by Christina Sicoli from the Noun Project

PARCEIRO: Created by Blair Adams from the Noun Project

22 equipamentos de Created by Blair Adams from the Noun Project

Created by corpus delicti from the Noun Project

Created by Sergey Demushkin from the Noun Project

instalados

3

Created by Brian Oppenlander from the Noun Project

escadarias públicas pintadas

2

Created by Adrien Coquet from the Noun Project

construção campinho futebol

3

Created by Adrien Coquet from the Noun Project

reformas/pintura campinho

4

Created by Yamini Ahluwalia from the Noun Project

pistas de caminhada


VIVO A PRAÇA FORTALEZA

VIVO A PRAÇA VOTUPORANGA

17

sonhos

8

participantes

250

pessoas no mutirão

sonhos

20

participantes

400

pessoas no mutirão

sonhos

25

participantes

270

pessoas no mutirão

sonhos

9

participantes

420

pessoas no mutirão

sonhos

14

participantes

160

pessoas no mutirão

sonhos

pessoas no mutirão

14

sonhos

22

300

participantes

pessoas no mutirão

15

25

500

sonhos

participantes

pessoas no mutirão

15

sonhos

26

120

22

400

20

250

participantes

pessoas no mutirão

9

sonhos

participantes

pessoas no mutirão

VIVO A PRAÇA BUTANTÃ, SP

VIVO A PRAÇA ARACAJU

14

150

VIVO A PRAÇA MOEMA, SP

VIVO A PRAÇA PRAÇA LUIS TREVISANI, SP

10

participantes

VIVO A PRAÇA CAMPO GRANDE

VIVO A PRAÇA VITÓRIA

15

50

VIVO A PRAÇA KISAO TOKITA

VIVO A PRAÇA MACEIÓ

20

sonhos

VIVO A PRAÇA BENEDITA CAVALHEIRO

VIVO A PRAÇA RECIFE

16

4

26

participantes

420

pessoas no mutirão

11

sonhos

participantes

pessoas no mutirão

VIVO A PRAÇA BROOKLIN, SP

VIVO A PRAÇA JOÃO PESSOA

35

participantes

250

pessoas no mutirão

12

sonhos

20

participantes

250

pessoas no mutirão

55


VIVÊNCIA OASIS EM COMUNIDADES VIVÊNCIA OASIS PEDRO LEOPOLDO (MG)

22

18

3

sonhos

reuniões fase preparatória

pessoas na formação

120

120

pessoas na formação

pessoas no mutirão

44

150

VIVÊNCIA OASIS RIO DOCE

VIVÊNCIA OASIS

em parceria com Honda Energy

6

sonhos

56

280

pessoas no mutirão

3

PARCEIROS:

25

pessoas na formação

16 Created by Gregor Cresnar from the Noun Project

em parceria com Juntos.com.vc sonhos

pessoas na formação

22

reuniões fase preparatória

reuniões comunitárias

VIVÊNCIA OASIS DIST RIO LARGO

8

40

8

sonhos

pessoas no mutirão

em parceria com IADH

sonhos

sonhos

240

pessoas no mutirão

LafargeHolcim

Created by Gregor Cresnar from the Noun Project

13

10

VIVÊNCIA OASIS BARROSO (MG)

LafargeHolcim

8

VIVÊNCIA OASIS

em parceria com ADM

pessoas no mutirão

pessoas na formação reuniões comunitárias

120

pessoas no mutirão


OASIS NAS ESCOLAS OASIS NAS ESCOLAS SUMITOMO

53

participantes

10 sonhos

OASIS NAS ESCOLAS ALPHAVILLE

40

participantes FESTIVAL ELOS

15 oficinas dentro da escola e creche públicas levando cultura popular, artes, comunicação para duas escolas da Nova Cintra

10 sonhos

Jogo Oasis adaptado para o ambiente escolar, envolvendo alunos, professores, diretores, assistentes pedagógicos, pais, para construir a escola dos sonhos. Através das sete etapas, sempre criando um cenário de abundância, juntando os talentos e recursos, construindo sonhos coletivos e buscando sempre voos mais altos. Juntos transformamos a escola num espaço colorido, diverso, deixando claro que diferença não é sinônimo de desigualdade, e que essa diversidade é a essência de um mundo abundante e criativo. Muralismo, paisagismo, carpintaria e espaços multiusos são só alguns dos exemplos que podem ser materializados com os sonhos desenhados pela própria comunidade escolar. É um modelo de educação sonhado por Paulo Freire: “Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”, em “Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa”. Além disso, em diferentes Vivências Oasis, envolvemos as escolas e faculdades para uma participação mais efetiva. Além de sermos convidados para palestras e rodas de conversas sobre nossa atuação.

Created by Till Teenck from the Noun Project

num total de

34

450 alunos

1440

16305

educadores

alunos

escolas

Created by J Ray Rivera F from the Noun Project

Created by Ralf Schmitzer from the Noun Project

PARCEIROS:

14

faculdades diretamente mobilizadas

200

400

alunos no mão na massa odarP siuL yb detaerC tcejorP nuoN eht morf

Created by iconsphere from the Noun Project

presentes em palestras (3)

(3) Escolas e Faculdades nos arredores das Vivências Oasis; Festival Elos; Sementes de Transformação; palestras e oficinas. 57


JOGOS DE TRANSFORMAÇÃO Na trajetória do Instituto Elos, os jogos têm uma importância fundamental para transmitir nossa Filosofia de Transformação do mundo. Agora estamos prontos para lançar o E-mpulse, um novo jogo com parceria com a E-Motive, Elos NL e Altekio. Nosso primeiro jogo foi o Oasis, que usamos desde 2003, e que possibilita um processo de mobilização e organização de grupos, por meio de uma dinâmica lúdica de vivência em comunidade. As redes sociais são elementos para conexão e intercâmbio dos jogadores e comunidade, e uma série de parceiros interessados em colocar a mão na massa para que a transformação aconteça por uma visão ampla.

Desde o princípio, quando começamos a estudar e desenvolver os jogos, o espírito de colaboração sempre norteou nossos produtos. Entre as principais características de nossos jogos estão: 1. Ao final todos saem ganhando Independente de ser selecionado ou não para um determinado processo, o participante tem um ganho significativo ao final do jogo. 2. Cultura de feedback Todos que terminam o jogo tem pessoas que avaliam os resultados que apresentam os pontos positivos e negativos do processo. 3. Estar pronto para ação Uma questão que é importante dentro dos games do Elos é mostrar que além de ser capaz de formular um plano, o participante demonstra que é capaz de realizar alguma etapa significativa do plano. 4. Capaz de articular uma ação coletiva A colaboração entre os participantes é fundamental para o sucesso durante o desenvolvimento do jogo. Eles devem ser vistos como parceiros e uma rede de talentos e recursos que está disponível para todos.

58


CAMINHO DO SIM

JOGO E-MPULSE

Dentro do processo seletivo do Guerreiros Sem Armas, procuramos desde 1999, um modo criativo para selecionar os candidatos ao programa. O Caminho do Sim é um jogo colaborativo, onde os participantes já colocam a mão na massa para transformar o mundo, mesmo antes de chegar aqui. O grande avanço é que em 2014 o jogo ganhou uma plataforma interativa, com programação desenvolvida com a MKT Virtual de Santos. O jogo também é usado nos últimos quatro anos do processo de seleção do Programa Jovens Talentos da Arymax e no Novo Programa Instituto Reciclar.

O E-mpulse, que tem como objetivo fazer com que os participantes, sejam indivíduos ou organizações, desenvolvam projetos sociais de alta relevância, através de sete etapas, onde além das tarefas, um grupo de especialistas dará um treinamento em questões específicas. Por se tratar de uma parceria internacional, a plataforma é em inglês.

A metodologia utilizada pelo Elos, assim como o envolvimento e disposição da equipe, foram decisivos para que pudéssemos analisar com profundidade, o perfil dos inscritos para o Novo Programa Reciclar, descobrindo aqueles mais alinhados ao nosso Novo Programa. Mais do que um jogo, o Caminho do Sim foi uma experiência única que extraiu o melhor de todos os participantes, encorajando-os a buscarem seus sonhos e a assumirem o protagonismo de suas histórias de vida. Para nossa surpresa, o Caminho do Sim foi uma jornada enriquecedora não apenas para os jovens participantes, mas para toda a equipe do Reciclar! Ao acompanhar a evolução dos jovens durante o processo de seleção, nos sentimos ainda mais motivados a realizar nosso propósito de Desenvolver Potenciais e Inspirar Transformações Sociais

As questões que norteiam o jogo são: - Você tem uma solução local inovadora para problemas locais ou globais e quer implementá-lo? - Deseja desenvolver o projeto com um parceiro (pessoa / grupo / comunidade / organização) de outro país? - Você está animado para desenvolver seu projeto com o apoio de uma comunidade mundial de organizações, comunidades, governos e agentes de mudança? - Você tem um projeto que visa construir o mundo que você sonha? - Você está procurando uma rede e espaço para coaching e aulas on-line para se conectar a potenciais financiadores? O jogo é uma co-realização entre o Emotive, Instituto Elos e Elos Foundation, Altekio.

- RENATA RUGGIERO MORAES | DIRETORA EXECUTIVA DO INSTITUTO RECICLAR

59


Encontros 60

- Mapa da Infância Brasileira - Festival Elos - Giftival - Promotoria Comunitária - Diálogos Elos - Festival Comunidades Empreendedoras - Lançamento Guerreiros Sem Armas


MAPA DA INFÂNCIA BRASILEIRA Idealizado e coordenado pelo NEPSID (Núcleo de Estudos e Pesquisas em Simbolismo, Infância e Desenvolvimento), o projeto iniciou suas ações em 2013 com a pesquisa “Espaços e Programas humanizados para as crianças de São Paulo” , que reuniu em uma cartografia, redes, coletivos, fundações, políticas, ONGs, institutos, plataformas de financiamento coletivo, meios de comunicação e inúmeros outros atores, iniciativas, programas e espaços que desenvolvem ações que impactam na qualidade de vida das crianças na cidade de São Paulo. Em 2014, reuniu presencialmente em São Paulo um grupo de especialistas para discutir o mapeamento e pensar em caminhos para a continuidade do projeto. No encontro, realizado na sede do Instituto Alana, participaram representantes das seguintes iniciativas: Instituto Elos, Ato Cidadão, Ifan (Instituto da Infância), Associação Comunitária Monte Azul, Fundação Abrinq, Aliança pela Infância, Movimento Boa Praça e Periferia em Movimento, Sub Prefeitura da Sé, Terre des Hommes, Instituto Alana, Rede Nacional Primeira Infância, Instituto C&A, Pombas Urbanas, CNRVV, OS Santa Catarina, INEP, Fundação Bernard Van Leer, IPA, Basurama, Instituto Arcor, Ponteaponte, Núcleo de Estudos da Violência da USP, São Paulo Carinhosa, Equidade para a Infância e a equipe do NEPSID. Como proposta de ampliação dessa primeira pesquisa, surge então o Mapa da Infância Brasileira (MIB), que tem como missão articular, mobilizar e criar sinergias entre os diversos atores e iniciativas voltados para as crianças no Brasil, congregados de forma colaborativa por meio de uma plataforma de aprendizagem. Lançado no segundo semestre de 2015, o MIB é um convite para que empreendedores e atores sociais que fazem parte desta plataforma com foco no estímulo à aprendizagem e à cooperação possam inspirar muitos outros empreendedores a desenvolver iniciativas e a dialogar.

61


FESTIVAL ELOS 4 mesas

11 oficinas Created by Till Teenck from the Noun Project

redondas

adulto

Created by Oliviu Stoian from the Noun Project

173

320

inscritos

15 oficinas infantis

participações Created by MRFA from the Noun Project

Created by Creative Mania from the Noun Project

620 crianças

Created by Till Teenck from the Noun Project

Created by Adrien Coquet from the Noun Project

Festival Elos foi um dos pontos altos de 2016. Produzimos um evento sociocultural de mobilização comunitária e capacitação de jovens lideranças para transformação social que acontecerá no morro da Nova Cintra, na cidade de Santos. A iniciativa teve diálogos com especialistas, ofcinas práticas, shows e apresentações culturais, e muita troca de experiências. Em cinco dias de atividades, o objetivo foi conectar moradores dos morros de Santos, jovens transformadores, especialistas e lideranças comunitárias para experimentar e explorar diferentes aspectos de mobilizar um bairro em torno de um sonho comum. Com isso, buscou-se reconhecer e valorizar os potenciais locais, fortalecer relações e construir juntamente com os moradores a narrativa do sonho que se tem para o lugar. Por outro lado, esta iniciativa visou despertar o potencial criativo de jovens lideranças em buscar soluções rápidas para situações reais e fortalecer qualidades como coragem, escuta, visualização do que está emergindo, prontidão para ação e trabalho em equipe. Uma parte da programação, compreendeu atividades abertas ao público e outra parte, focada em jovens transformadores dentre eles, participantes do programa Guerreiros Sem Armas. Sendo assim, o público foi composto pela diversidade entre lideranças e moradores da região dos morros de Santos, convidados especialistas em desenvolvimento comunitário e transformação social, e representantes do governo local e organizações santistas. 62


AGRADECIMENTOS O Festival Elos é uma parceria com a Codesp, e tem apoio da EC Juventude da Nova Cintra, G.R.C.E.S.Unidos dos Morros, Paróquia São João Batista, Regional dos Morros de Santos – PMS, Secretaria de Cultura – PMS, SESC Santos, Sociedade Melhoramentos Morro Nova Cintra, Unisantos. Apoio Institucional ADM Saiba tudo o que aconteceu aqui: www.bit.ly/relatoriofestivalelos2016

PATROCÍNIO:

63


GIFTIVAL O Elos foi anfitrião do Giftival, um festival que é organizado no máximo a cada dois anos, reunindo um grupo internacional de ativistas, criadores, artistas, empresários e inovadores que estão se concentrando sobre a economia colaborativa para o mundo. Em 2013, o evento aconteceu na Turquia, organizado pela Zumbara, um projeto de banco que promove a troca de serviços sem o uso de dinheiro, ou seja, a economia de doação. Em 2015, foi a vez da Itália, onde em Roma, a organização anfitriã foi o Centro Feminista de Estudos para a Economia Colaborativa. Estão aqui participantes como Charles Eisenstein, Orland Bishop, Manish Jain, Pat McCabe, Adebayo Akomolafe, Joserra ao lado de brasileiros como Aser Cortines, Yuri Haasz, Sandra Caselato, Alan Dubner, Isabella Prata , Edgard Gouveia Júnior, Claudinho Miranda Pss, e Guerreiros de todos os tempos como Aerin Dunford (2007), Mila Motomura (2007), Rodolpho Martins (2009), Herbert Santo de Lima (2011), Luciana Bobadilha (2014), Archana Iemanjá Tomar (2014), Ronaldo Crispim (2015). Sem contar a equipe Elos. Os mais de 50 convidados chegaram dia 15 e ficaram até dia 19 de novembro. A “gift economy” ou economia da dádiva é um modelo filosófico onde “dividir” substitui o “acumular”. Objetos, produtos, serviços, conselhos ou qualquer tipo de ajuda não são vendidos, mas sim compartilhados em troca de outros favores ou simplesmente sem nada em troca.

64


PROMOTORIA COMUNITÁRIA O Elos vem apoiando várias comunidades na conexão e preparação para sessões da Promotoria Comunitária de Santos, que foi criada em fevereiro de 2015. Nós participamos dos encontros, apoiando os membros da comunidade de Santos na articulação de questões legais e disputas. A Promotoria Comunitária é o espaço de articulação entre o Ministério Público e os atores da sociedade (cidadãos, governos, empresas e instituições) para provocar a discussão e encaminhamentos de soluções aos problemas destacados pela sociedade, agilizando resultados e evitando a demanda por inquéritos e processos judiciais. A denominação Promotoria Comunitária corresponde a um método de atuação adotado pelo Ministério Público de aproximação da sociedade para a atuação conjunta na busca de soluções para problemas sociais e de políticas públicas que interferem direta ou indiretamente nas questões de segurança pública, sempre com foco na qualidade de vida da população.

65


DIÁLOGOS ELOS TOTAL LYNNE TWIST CHARLES EISENSTEIN COMUNIDADES EMPREENDEDORAS LANÇAMENTO GSA

358

participantes

120 pessoas

50

pessoas

108 pessoas

80

pessoas

Lynne Twist

A autora do livro “The Soul Of Money” (A Alma do Dinheiro) veio pela primeira vez ao Brasil. Além de um seminário em São Paulo, ela participou de encontros com empresas e veio para Santos num encontro exclusivo com os 58 jovens participantes do Guerreiros Sem Armas. A vinda da pensadora é uma ação conjunta do Instituto Elos, Eco Rede Social, Instituto Geração, Impact Hub São Paulo e Adigo. Por mais de 40 anos, Lynne Twist tem sido reconhecida mundialmente pelo seu trabalho visionário para aliviar a pobreza, a fome, apoiar a justiça social e a sustentabilidade ambiental. Do trabalho com Madre Teresa, passando pelos campos de refugiados na Etiópia e defendendo as florestas tropicais ameaçadas da Amazônia, o trabalho de Lynne é marcado por uma profunda compreensão do mundo em que vivemos. 66

Eu reconheço a inteligência profunda e o sentimento de resiliência que nascem de condições adversas. O que descobri nesses anos é que as pessoas não tem nada de pobres. Esta palavra horrorosa diminui as pessoas. A inteligência que estas pessoas desenvolvem é que todos anseiam ter. Pobre é a situação em que eles vivem, e não as pessoas. - LYNNE TWIST

43


Charles Eisenstein

O Elos não está cego para a pobreza, mas não está cego para as riquezas presentes nos lugares. Muitas vezes as pessoas não sabem sobre suas riquezas, por isso é importante a pergunta “o que é bonito aqui?” (primeiro passo da Filosofia Elos – busca das belezas). A beleza é uma indicação do que pode ser construído no futuro. O desenvolvimento não deve ser uma imitação cega de um conhecimento externo, mas surgir de um chamado do coração, e agir conforme este chamado. Quando o coração entende profundamente estas questões, pois assim novas coisas podem surgir. Com a tecnologia entraram em campo forças extraordinárias de separação. Quando meu pai era jovem todas as crianças brincavam nas ruas e todos se conheciam. Quando eu era jovem, isso acontecia, mas num grau muito menor. Hoje moro num lugar com mais de 500 famílias e todas estão dentro de casa, e não crianças nas ruas. O que vemos são as luzes azuladas das TVs. Na época do meu pai, quando fazia calor todos iam para as varandas, e as pessoas conversavam umas com as outras, hoje ficam em casa com ar-condicionado. Substituímos as comunidades por serviços, tudo o que você precisa, pode ser comprado ou pago. Qual futuro que queremos? Pense em algo muito precioso que estamos perdendo. Este é um excelente indicativo de onde podemos chegar. Neste momento da história que tudo está ruindo, devemos estar aberto para tudo o que se rejeitou no passado. Xamãs, capoeira, conhecimentos populares, essas coisas que costumam dizer que é coisa do velho Brasil, digo, que o mundo precisa destas coisas, porque se vamos depender somente do que a tecnologia produziu, olha onde os Estados Unidos chegaram.

67


FESTIVAL COMUNIDADES EMPREENDEDORAS Depois de 2 anos de atuação em 4 territórios da Baixada Santista, o Instituto Elos fez uma conversa sobre as parcerias entre organizações e comunidades, e lançou 3 guias criados a partir dessa experiência – um sobre o programa Comunidades Empreendedoras, um sobre cinema de rua e um sobre feiras gastronômicas. Para contribuir com a conversa, estiveram presentes representantes da União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região (UNAS Heliópolis), Instituto Holcim, Elo7, Associação dos Jovens da Juréia e União dos Moradores da Juréia, Instituto Lina Galvani, Projeto Construindo Futuro, Escola Nacional Florestan Fernandes e Jackson Nunes, coordenador do Programa Social e Habitação da Prefeitura de São Vicente. O Comunidades Empreendedoras é o programa de desenvolvimento local do Elos e teve sua primeira edição realizada dentro do Desenvolvimento Integrado e Sustentável dos Territórios da Baixada Santista (DIST) com apoio do Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal, realizado simultaneamente na Vila Progresso e Caminho da União em Santos, Prainha, no Guarujá, e Guapurá em Itanhaém, de janeiro de 2014 a abril de 2016. Guia das Comunidades Empreendedoras: issuu.com/elos/docs/guia_das_comunidades_empreendedoras Guia Cinema de Rua em parceria com Instituto Querô: https://issuu.com/elos/docs/guia_cinema_de_rua_e38051322b9153 Guia da Feirinha Gastronômica: https://issuu.com/elos/docs/guia_feirinha_gastronomica

68


LANÇAMENTO

GUERREIROS SEM ARMAS O lançamento da 10ª. edição do Guerreiros Sem Armas (GSA) foi baseada na campanha VEM SIM, e usamos nossa rede para divulgar o programa. Além de São Paulo, tivemos em Madri, Bruxelas, Amsterdam, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba e Recife. A Equipe Elos fez a rodada de abertura, na nova casa do Yunus Negócios Sociais, em São Paulo, e tendo como co-anfitrião, Túlio Notini (GSA 2015), Estiveram presentes representantes da Artemisia, Dervish, Flowmakers, GIFE, Impact Hub São Paulo, Instituto Geração, Juntos, Oasis Sampa, OBB, Palas Athena, Poesia Samba Soul, Projeto Cooperação, Política em Jogo, Projeto Viela, Teto, Vicente Negrão Assessoria de Imprensa, Vulture Filmes, Worldpackers. Sem contar a presença de amigos que ajudaram a construir nossa história como GSAs de 2007, 2009, 2011, 2012, 2014, 2015; Edgard Gouveia Júnior, co-fundador do Elos, que segue seu caminho solo desde 2011 com jogos cooperativos, Emi Tanaka, Flavia Ramos, Fe Ravanholi, Renato Leal, Isabela Prata.

69


EQUIPE ELOS

André Pascoal

Ariane Lopes Mates

Bruno Matinata

Carla Cristina Cardoso

Clarissa Muller

Fernando Conte

Flavia Ramos (saída 2015)

Laura Benites

Lucas Almeida (saída 2016)

Luiza Dacal

Mariana Felippe

Mariana Gauche

Mariana Engels (saída 2016)

Nathalia Dittmar (saída 2016)

Natasha Mendes Gabriel

Niels Koldewijn

Dona Nininha

Paulo Farine

Renata Laurentino

Ricardo Oliveros

Rodrigo Rubido

Sebastián Ronderos (saída 2016)

70

Simone Batista (saída 2015)

Thais Polydoro

Val Rocha


Investimento na EQUIPE ELOS Dentro do nosso projeto de aprender-fazendo, é preciso criar um espaço de conhecimento compartilhado de nossa Equipe esteja assegurado na nossa trajetória, em especial para atualizar nossos conhecimentos e trocar experiências. No biênio 2015-2016 tivemos:

1 Curso de longa duração Equipe Transformadoras com Aser Cortines 3 Vivências com Kaká Werá 2 Imersões de Facilitação - Comunidades Empreendedoras - Vivência Oasis Vivo a Praça

80 Check-ins semanais com a Equipe Elos 4 Workshops:

- Jornada do Herói com Aser Cortines - CNV com Sandra Caselato e Yuri Haasz - Process Work Niels Koldewijn e Paulo Farine - Mindfulness com Alan Pogrebinschi

2 Produtos pedagógicos:

COLABORADORES André Mafra, Renata Minerbo (GSA 2009), Thais Brandt (GSA 2007), Felipe Denz (GSA 2012), Hannah Nieldman (GSA 2015), Marta Orihuel (GSA 2014), Paula Dias (GSA 2015), Simone Batista (GSA 2014), Jamerson Mancio (GSA 2012), Inês Maria (GSA 2014), Júlia Carvalho (GSA 2014), Mariana Poli Gortan (Integrante do Oasis Sampa), Julia Luchesi (GSA 2011), Pablo Morente, Pâmela Gaino, Patricia Ledo, Paulo Victor Melo, Gabriel Moura, Mayara Pimentel (GSA 2015), Marialina Antolini, Isadora Padilha, Sandra Amalia (GSA 2012), Juliana Hurtado, Léo Duarte (GSA 2011), Lucas Bezerra (GSA 2015), André Eloy Soares.

- Manual do Facilitador Elos - Manual de Produção Vivência Oasis

71


NOSSO

Muito Obrigado A TODAS AS PARCERIAS QUE REALIZAMOS EM 2015/2016

ACAI – Associação Comercial de Itanhaém, ADM, Aeroporto de Itanhaém, Arte nas Cotas, Associação Brasileira pelo Direito do Brincar, Associação de Moradores de Heliópolis, Associação Monte Azul, Banco de Alimentos, Câmara de Vereadores de Itanhaém, CEJUSC – Centro Judiciário de Conciliação e Cidadania (Conciliador Paulo Tonetto), Centro Cultural Pombas Urbanas, CETESB, CODESP, Comunidade Nostra Aldeia, Cooperativa de Catadores Mundo Novo, Correio, CPFL, EC Juventude da Nova Cintra. Enplan, Escola Estadual Emílio Justo, Escola Estadual Philomena de Oliveira, Pastoral da Criança, Escola Municipal Maria Patrocina Condota, ETEC – Escola Técnica, Família Kodocan – Judô, Fundação Alphaville, Fundo Socioambiental da Caixa, G.R.C.E.S.Unidos dos Morros, GVT, Honda Energy, IADH, Instituto Favela da Paz, Instituto Lafarge-Holcim, Instituto Querô, Juntos.com.vc, Mapa da Infância Brasileira (MIB), Oasis Sampa, ONG Favela da Paz, Palafita Filmes, Palhaço Charles, Paróquia São João Batista,

72

Poesia Samba Soul, Pombas Urbanas, Prefeitura Municipal de Itanhaém (Secretarias de Habitação, Serviços Urbanos, Saúde, Assistência Social), Prefeitura Municipal de Santos (Secretaria de Cidadania, Secretaria de Educação, Secretaria da Assistência Social, Gabinete do prefeito, ouvidoria, Secretaria de Cultura, Secretaria da Saúde, Sub-prefeitura dos Morros, Sub-prefeitura da Zona Noroeste), Prefeitura Municipal do Guarujá (Gabinete da Prefeita, SEGOV, Secretaria de Habitação, Secretaria de Assistência, Secretaria de Cultura, Secretaria de Saúde, Política para a mulher, Biblioteca Municipal), Promotoria Pública de Arquitetura e Urbanismo, Querô Filmes, Rotary Club Boqueirão, SABESP, Samba na 2, Sarau Caiçara, Sarau itinerante, SESC Santos, Sociedade de Melhoramento do Jardim São Manuel. Sociedade Melhoramentos Morro Nova Cintra, TRE- Cartório Eleitoral de Itanhaém, UME José Carlos de Azevedo Júnior, UNIFESP, UniSantos, UNAERP, Vila do Teatro, VIVO


COMUNIDADES SANTOS, SP - José Menino - Morro do Tetéu - Vila Charm’s - Vila Sapo -Morro da Nova Cintra - Vila Progresso GUARUJÁ, SP - Prainha ITANHAÉM, SP HARARE, ZIMBÁBUE PORTO ALEGRE, RS BRASÍLIA, DF SANTO ANDRÉ, SP BELO HORIZONTE, MG CURITIBA, PR

SÃO PAULO, SP - Praça Luis Trevisani - Praça Benedita Cavalheiro - Praça Kisao Tokita - Butantã - Brooklin ARACAJU, SE JOÃO PESSOA, PB FORTALEZA, CE CAMPO GRANDE, MS PEDRO LEOPOLDO, MG BARROSO, MG RIO LARGO, AL RIO DOCE, ES XANGRI-LA, RS

CAMPINAS, SP VOTUPORANGA, SP RECIFE, PE 73


INSTITUTO ELOS Rua Marechal Hermes, 37 Boqueirão, Santos - SP, Brasil CEP: 11025-040 institutoelos.org

FICHA TÉCNICA Realização da publicação e projeto editorial INSTITUTO ELOS

Coordenação

RICARDO OLIVEROS

Fotografia Esta obra está licenciada por Creative Commons; Atribuição de uso-não-comercial; Não-a-obras-derivadas. Este material foi criado pelo Instituto Elos para fins específicos. Fique à vontade para utilizar para o seu próprio aprendizado e para compartilhar conhecimento com outros, reconhecendo a autoria. Qualquer dúvida entre em contato conosco através do e-mail elos@institutoelos.org

74

BANCO DE IMAGENS DO ELOS

Projeto e produção gráfica ARIANE LOPES MATES

Texto e edição

RICARDO OLIVEROS

Revisão

MARIANA FELIPPE LUIZA DE SÁ

Relatório Elos 2015/2016  

Este é o relatório de atividades de 2015/2016 do Instituto Elos, criado para registrar acontecimentos e aprendizados do período de janeiro d...

Advertisement