Page 1

Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Universidades Públicas Federais no Estado da Bahia - Assufba Nº 479 - 1ª Quinzena de Dezembro - 2017 - Salvador - BA - assufba@ufba.br

ASSUFBA comemora 37 anos com a inauguração da Nova Sede. Um sonho realizado

A ASSUFBA completou 37 anos em 1º de dezembro. No dia do aniversário, um presente importante: a inauguração da Nova Sede do Sindicato. Após mais de três décadas, o esforço da Coordenação da entidade e de cada servidor que acreditou no sonho se tornou realidade. Uma casa própria para o associado chamar de sua. Sem dúvida, uma conquista que entra para a história. Páginas 2, 3 e 4

No aniversário da ASSUFBA, Nova Sede do Sindicato é inaugurada em clima de festa. A Coordenação da entidade e a categoria são as grandes responsáveis pela conquista histórica


2

É uma história de muita garra. Fizemos grandes mobilizações em defesa da categoria, a exemplo de uma forte greve por isonomia salarial e tantas outras. Temos o desafio de continuar superando as dificuldades Renato Jorge, coordenador Geral da ASSUFBA

É um Sindicato de luta e resistência. Muito me orgulha fazer parte dessa história Aida Maia, coordenadora Geral

Dia de festa. ASSUFBA completa 37 anos com inauguração da Nova Sede Todo aniversário merece presente. E no dia que a ASSUFBA completou 37 anos foi inaugurada a Nova Sede do Sindicato, uma casa própria. Uma conquista não só da entidade, mas de cada servidor que acreditou neste sonho que agora se tornou realidade. Este 1º de dezembro vai ficar guardado para sempre na memória. Antes da inauguração da

sede, os Técnico-Administrativos em Educação da participaram da Assembleia Comemorativa, que aconteceu na Escola Politécnica. O Coordenador Geral da ASSUFBA, Renato Jorge, fez um importante retrospecto da luta do Sindicato ao longo dos 37 anos. “É uma história de muita garra. Fizemos grandes mobilizações em defesa da categoria, a exemplo de uma

forte greve por isonomia salarial e tantas outras. Temos o desafio de continuar superando as dificuldades”. A Coordenadora Geral do Sindicato, Simone Coité, que é da UFOB, lembrou que “estamos distantes apenas geograficamente. Reafirmamos o compromisso de fortalecimento da nossa universidade e a identidade de sermos Técnico-Administrativos em

Estamos distantes apenas geograficamente. Reafirmamos o compromisso de fortalecimento da nossa universidade e a identidade de sermos TécnicoAdministrativos em Educação. É um dia de muita emoção para nós Simone Coité, coordenadora Geral


3 Assufba, há mais de três décadas protagonizando a luta em defesa dos Técnicoadministrativos em Educação e das universidades federais

Educação. É um dia de muita emoção para nós”. Quem também parabenizou a ASSUFBA pelo aniversário foi a Coordenadora Geral, Aida Maia. “É um Sindicato de luta e resistência. Muito me orgulha fazer parte dessa história”. A sindicalista acompanhou de perto a construção e consolidação da UFRB, fundada em 2006, e que hoje conta com mais de 6 mil uni-

versitários, a maioria negros. Hoje, o futuro da universidade está ameaçado. O reitor da UFBA, João Carlos Salles, participou da assembleia e saudou a ASSUFBA pelos 37 anos. Ressaltou o papel do Sindicato enquanto defensor da instituição. “Quando os técnicos se mobilizam estão defendendo também a universidade. Hoje, há um ataque centrado e organizado

nas universidades públicas”. Ao final da assembleia, o Coral da ASSUFBA fez uma belíssima apresentação, bastante aplaudida pela categoria. Depois, os servidores se dirigiram à Nova Sede, onde aconteceu a inauguração, uma exposição de fotos históricas e confraternização, com direito a música, bolo, parabéns e muita comemoração. Um dia de festa. O presidente da CTB Bahia, Pascoal Carneiro, parabenizou o Sindicato pela nova casa. “Não é só um espaço de atividades dos servidores, mas um local onde se fará a defesa das instituições públicas. Agora, após mais de três décadas, enfim, o associado tem um local para chamar de seu. É a casa da categoria, conquistada com o esforço de cada servidor e da Coordenação da ASSUFBA.

Quando os técnicos se mobilizam estão defendendo também a universidade. Hoje, há um ataque centrado e organizado nas universidades públicas João Carlos Salles, reitor da UFBA

Há 37 anos nascia a ASSUFBA (Sindicato dos Trabalhadores Técnico-administrativos em Educação das Universidades Públicas Federais no Estado da Bahia), uma entidade pautada pelo compromisso de lutar em defesa dos servidores e das universidades públicas federais. Fundada no dia 1º de dezembro de 1980, ainda como Associação, a ASSUFBA tem participado, ao longo de quase quatro décadas, de importantes momentos do Brasil e de intensas manifestações, atos e greves, em defesa da categoria, sempre em busca de melhorias para os trabalhadores. Em 1984, o Sindicato fez uma grande greve nacional de mais de 84 dias. O fruto da mobilização foi o primeiro plano de cargos e salários da categoria. Uma conquista importante. Ao longo dos anos, muitas vitórias foram alcançadas, a exemplo da jornada de 30 horas, o saque do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e a carta sindical. Tem ainda os êxitos no âmbito judicial, através de ações movidas pela entidade. Agora, novos desafios são postos, sobretudo, diante da conjuntura política e econômica do país, em que o governo tem feito duros ataques aos serviços públicos e cortou recursos das universidades públicas federais. A ASSUFBA reitera a disposição para a luta a fim de que não haja retrocessos. Hoje, a ASSUFBA cresceu e representa os servidores da UFBA, UFRB, UFOB, UFSB e UNILAB. Apesar da ampliação, a responsabilidade e o comprometimento com as causas dos TAEs e das universidades permanecem como o principal norte do trabalho do Sindicato.


4

História construída a muitas mãos DEPOIMENTOS

Como ex-presidente da ASSUFBA durante algumas gestões, parabenizo o Sindicato e a nossa categoria pelos 37 anos de vida da nossa ASSUFBA, que nasceu como Associação, quando os servidores públicos não tinham direito a sindicalizar-se. Ela foi se transformando de maneira paulatina em um Sindicato forte, encaminhando as lutas. Fizemos a nossa primeira greve em 1982 ainda na vigência da ditadura. A nossa coragem coletiva foi marcante para conquistas diversas, como os planos de carreira, as reivindicações relacionadas à democracia universitária, o assento dos servidores no Conselho Universitário, primeiramente com direito apenas à voz, depois com direito a voto, quando mudamos o Estatuto da Universidade. De invisíveis os servidores passaram a ser visíveis. A ASSUFBA merece todos os parabéns por ser a guardiã e a representante dos interesses dos TAEs da Universidade Federal da Bahia e das demais instituições federais do ensino superior do Estado. Hoje são seis. Quero parabenizar também os servidores e a Coordenação da ASSUFBA, nominando Renato Jorge o abraço que transmito a todos pela nova sede própria da ASSUFBA. É um sonho muito antigo e uma conquista de grande porte que hoje podemos comemorar como grande presente dos 37 anos da nossa querida ASSUFBA.

A Assufba consolidou-se como uma das mais importantes entidades sindicais da Bahia. Seu patrimônio maior é a unidade dos servidores, responsável por conquistas suadas ao longo desses 37 anos. Vida longa para a Assufba! Vicente Neto, Ex-dirigente da ASSUFBA

A ASSUFBA é uma entidade que expressa ao longo da sua história um compromisso elevado com os melhores interesses de nosso povo e de nossa categoria. Sempre manteve sua bandeira elevada em defesa da Universidade pública, gratuita, inclusiva e de que qualidade. No momento atual celebra seus 37 anos com conquistas que nos orgulham como a sede própria, ao passo constrói lutas urgentes e necessárias à nossa democracia.

Vejo a conquista da Nova Sede como uma vitória muito importante. Tudo foi feito com muito capricho, vontade e amor. A luta sempre foi grande e hoje chegamos aqui. Nunca tivemos melhorias sem a luta. E hoje temos uma direção do Sindicato que se lembra de todos. Dona Clidelcina Conceição,

Aposentada do COM-Hupes

Cassia Virginia Maciel, Pró-Reitora de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil da UFBA e ex-coordenadora da ASSUFBA

Alice Portugal, Deputada Federal, ex-presidente da ASSUFBA e Técnica-Administrativa licenciada da UFBA Informativo do Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Universidades Públicas Federais no Estado da Bahia - Assufba. Rua Professor Fernando Severo Pessoa, nº 170, Federação. CEP 40.210-700. Tel.: (71) 3245-7444 / 7775. Editado e publicado sob a responsabilidade da diretoria da entidade. Renato Jorge Pinto (SUMAI), Aida Celeste Silveira Maia (UFRB), Simone Leal Souza Coite (UFOB), Antônio Valter Almeida Da Silva (MCO), Devanice Ribeiro Guimarães Souza (APOSENTADA – MCO), Valmiro dos Santos (BUS), Amanda Cruz Feitosa e Almeida (PRODEP), Paulo Cezar Vaz Santos (MCO), Nadja Maria Montenegro Rabello (APOSENTADA – PROEXT), Antonio Bomfim Moreira (BURMC / SIBI), Francisco Vilares Pinheiro (PROAE), Mario Sergio Nascimento Silva (SMURB), José Gomes Da Silva (PROAE), Edgar de Jesus / Aposentado (PROAE – CRECHE), Maria Dolores de Brito (APOSENTADA – MCO),Eliete Gonçalves da Silva (COM-HUPES), Lucimara da Silva da Cruz (ICS), Almira Maria Santos do Rosário (COM-HUPES), Barbara Marcia Chaves Andrade Nery (COM-HUPES), Romilson Nunes de Aragão (IMS –CAT – VITÓRIA DA CONQUISTA), Elielson Lima Aquino (UFRB). Suplentes: Adelmaria Ione dos Santos, Solange Maria Couto Rabello, Edson Borba Braga, Davino Alves dos Santos. Jornalista: Ana Beatriz Leal - Reg. MTE 4590 DRT-BA. Diagramador: Danilo Lima. Fotos: Assufba e Focos Filmes.

Boletim Dezembro - 479  
Boletim Dezembro - 479  
Advertisement