Page 1

Foto: Danilo C. Monteiro

Edição nº16 | 2018

Profa. Nara Fortes é nomeada nova Reitora da UNITAU ao lado do Prof. Jean Soldi, que ocupa o cargo de vice-reitor

ELEIÇÕES UNITAU 2018

Gestores tomam posse em julho e comandam Universidade pelos próximos 4 anos CAPACITAÇÃO

HOMENAGEM

EDUCAÇÃO

Novos médicos recebem carteira do CRM

O adeus a Dr. Andraus, político e psiquiatra de Taubaté

MEC proíbe criação de cursos de Medicina por 5 anos


ÍNDICE

Rua Engenheiro Fernando de Mattos, 134 Centro - Taubaté /SP (12) 3632.3818 E-mail: taubate@apm.org.br Site: apmtaubate.com.br Facebook: APM-Taubaté_Oficial Instagram: @apmtaubate

Fachada da sede Regional Taubaté Foto: Interativa Mix

4 6

DIRETORIA Presidente: Dr. Camillo Soubhia Junior Vice-presidente: Dr. Auro Fábio Bornia Ortega 1º Secretário: Dr. Oscar Cesar Pires 2º Secretário: Dra. Luciana da Cruz Noia 1º Tesoureiro: Dr. Marcos Roberto Martins 2º Tesoureiro: Dr. Ronaldo Abraham Diretor Científico e Cultural: Dr. Flavio Luiz Lima Salgado Diretor Social: Dr. José Paulo Pereira Delegado: Dr. Izac Alessandro B. de Souza

EDITORIAL Dr. Camillo Soubhia Junior

OPINIÃO Dr. José Paulo Pereira

8 ECONOMIA 10 CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL

CONSELHO FISCAL Titular: Dra. Maria Tereza Torres Frota Titular: Dr. Pedro José Chiavegato da Silva Titular: Dr. Jorge Miguel Kather Neto Suplente: Dr. Milton Gauch Suplente: Dr. Antônio Javier Salan Marcos Suplente: Dr. Ailton Augustinho Marchi

12 MATÉRIA DE CAPA 16 HOMENAGEM 18 EDUCAÇÃO CREMESP 20 Dra. Silvana Morandini

22

REGIONAL SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Dr. David Alves de Souza Lima

GUARATINGUETÁ 24 REGIONAL Dr. Antonio Diniz Torres DIRETÓRIO ACADÊMICO BENEDICTO MONTENEGRO

26 DABM

EXPEDIENTE Secretária APM: Denizi Morais Jornalista responsável: Ana Cláudia Bohler/ MTB: 57.484 Designer: Aline Gonzaga de Campos

Esclarece-se que as colunas assinadas nesta publicação não condizem, necessariamente, com a opinião da diretoria da APM. Desta forma, fica registrado que as opiniões emitidas nos referidos textos são de exclusiva responsabilidade dos autores.

27 RESPONSABILIDADE SOCIAL 28 LITERATURA | HUMOR 30 CLUBE DE BENEFÍCIOS

Periodicidade: Trimestral Tiragem: 600 exemplares Circulação: Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Litoral Norte | SP Impressão: Resolução Gráfica - Taubaté | SP

3


Foto: Box Criativo

EDITORIAL

Eleição Cremesp 2018 Por: Dr. Camillo Soubhia Junior Presidente APM Regional Taubaté

C

olegas, aproxima-se o dia das eleições para os cargos de direção do CREMESP. Em breve serão divulgadas informações sobre calendário eleitoral e candidatos concorrentes. O CREMESP é um órgão que foi criado para normatização da Ética Médica e consequente análise e julgamento de possíveis desvios de conduta durante o atendimento médico. Tem ainda como função fiscalizar clínicas e hospitais, orientando, e às vezes punindo, instituições que não seguirem devidamente as regras estabelecidas, expondo a riscos pacientes e médicos.

4

O trabalho da diretoria dessa entidade é árduo e incessante e, portanto, os colegas devem votar em uma das diferentes chapas concorrentes com livre e consciente arbítrio, seja para continuidade de trabalhos ou renovação de propostas diretivas. A grande novidade para a nova direção é que teremos em algumas chapas o cargo para Conselheiro em Taubaté e Fundo do Vale, cargo esse que antes era realizado somente por um Conselheiro em São José dos Campos. A partir deste novo escrutínio, serão dois os Conselheiros, como mencionado. Os trabalhos ficarão divididos e, portanto, cada Conselheiro

poderá ter um foco mais direcionado para a sua área de atuação, sem muito deslocamento, tendo condições de ouvir pessoalmente os colegas que tenham dúvidas, promover palestras educativas, além de outras atividades.

Um ganho para a nossa Região. Saudações,


5


OPINIÃO

Foto: Raquel Marques

Quais são os interesses? Por: Dr. José Paulo Pereira Diretor Social APM Regional Taubaté

É

necessário, obrigatório e real que cada grupo social tenha um órgão que o represente. Defende nas implicações, promove eventos alegres, agrega ideias particulares e dá marca àquele grupo, tornando-o mais forte e mais respeitado. Dentre os componentes surgem naturalmente os interessados em cumprir tarefas de direção. Os líderes despontam espontaneamente e a seleção natural se incumbe de desprezar aqueles que não conseguem cumprir a missão com desenvoltura. Assim tem sido. Pessoas ocupam cargos por idealismo, na grande maioria das vezes, com sacrifícios pessoais bastante grandes. A satisfação pessoal fala mais alto e deixar um legado para as gerações vindouras se torna uma vaidade respeitável. Os tempos mudam. As coisas vão ficando difíceis e a luta pela vida exige uma dedicação mais forte nas coisas pessoais, não sobrando espaço para diletantismos nem para missões extraordinárias. Isto pode causar uma mudança pe-

6

çonhenta nas lideranças e na direção dos cargos associativos. Algumas entidades se preservam com a manutenção dos antigos dirigentes, não havendo renovação, deixando, cada vez mais, de haver interesses nas suas administrações e gestões. Pelo menos, nestes casos, os ideais continuam e a moral permanece engrandecida. O pior, que eu julgo estar acontecendo, é o aparecimento de outros interesses, menos dignos, naqueles que se propõem a disputar cargos. Temo que isto seja uma nódoa terrível que venha, com o tempo, corroer tudo aquilo de nobre que exista nas entidades de classe. Haver disputa é legítimo e interessante. Haver desavenças já começa a ser desagradável. Haver brigas e guerrilhas é inadmissível. Significa que pelo menos mais dois interesses poderão estão em jogo: político e financeiro. Vamos trazer o problema para as nossas entidades. A AMB está até hoje numa briga judicial e o que se vê nas postagens são xingamentos, calúnias, difamações e, pior ainda, partidarizações, com as insinuações de “comunistas” e “fascistas” con-

fundindo a cabeça dos vis mortais que ficam sem saber por onde caminhar. O mesmo está acontecendo na eleição do CRM. Não acredito que grande parte dos postulantes se interesse em doutrinar politicamente seus colegas. Então vem o pior: a briga é por motivos financeiros. Hoje, ganha-se muito para dirigir as entidades. As pessoas se engalfinham por quererem resolver seus problemas financeiros e pessoais. Isto é muito triste. Isto tira toda a dignidade da disputa. Ficamos sem saber em quem votar porque já não acreditamos em ninguém. A única salvação está no convívio permanente com um grupo, onde passamos a ter informações e formamos nossos juízos. Quem não participa do dia a dia fica perdido neste lamaçal de interesses. Só nossas entidades regionais têm conhecimento mais próximo do verdadeiro. Consultem suas entidades para terem informações. Ou não votem, pois poderão estar elegendo um bandido.


REGIONAL CAMPOS DO JORDÃO

Projeto ATUALIZE

EDUCAÇÃO MÉDICA CONTINUADA

Convidamos a todos os colegas para prestigiarem mais uma edição do Projeto Atualize. A Associação Médica Jordanense / Regional APM, em parceria com Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, Faculdade de Medicina da Universidade de Taubaté, Sociedade Beneficente São Camilo, e Associação Paulista de Medicina - Regional Taubaté, rigorosamente selecionou os temas e os professores que contemplarão as jornadas didáticas deste ano, a fim de contribuir com o aperfeiçoamento profissional dos participantes envolvidos. A seguir, divulgamos a programação referente ao segundo semestre de 2018.

TAXAS:

Associação AMJ e contratados PSF/ Campos do Jordão são isentos de pagamento Programa anual: R$200,00 Programa semestral: R$120,00 Inscrições por jornada: R$40,00

18/08 – ENDOCRINOLOGIA

2018

20/10 – CARDIOLOGIA

Obesidade / Cuidados após Cirurgia Bariátrica Osteoporose / Vitamina D: Prevenção Profª. Érika Bezerra Parente

Arritmias Acompanhamento do infartado: a Longo Prazo Prof. Argemiro Scatolini Neto

15/09 – DIABETES

10/11 – UROLOGIA

Diabetes e pele Profª. Thaís Proença de Freitas Manejo do Diabetes: Tipo I e Tipo II Prof. João Eduardo N. Salles

Doenças da Próstata Doença Androgênica do Envelhecimento Masculino: Andropausa Prof. Wagner França

Grupo do Pé Diabético da Santa Casa de São Paulo Profª. Karine Polonio

Local das Jornadas:

Auditório do Hospital São Camilo Informações: (12) 3664-3705


ECONOMIA

Sou associado da APM. Quais são meus benefícios? Além da representação de classe médica e da educação continuada, a oferta de serviços e benefícios está entre os pilares da Associação Paulista de Medicina. Conheça algumas, das dezenas de vantagens, que são oferecidas especialmente para você!

ASSESSORIA INSS SOLICITAÇÃO DE APOSENTADORIA

A entidade coloca à disposição uma equipe de profissionais qualificados e experientes para prestar esclarecimentos e dar entrada no requerimento dos benefícios, de modo que o médico possa se aposentar de acordo com as melhores condições e com toda segurança.

PREVIDÊNCIA PRIVADA Na fase de acumulação da previdência privada é muito importante contar com uma gestão profissional. Afinal, um rendimento anual de 2% a mais - ou 0,16% a mais por mês resulta numa diferença significativa no saldo final, considerando um médio/longo prazo. A APM proporciona taxa de administração de 1,5% ao ano - rendimento nos últimos 12 meses de 15,05% (data base: 28/02/2017), ausência de taxa de carregamento, entre outros privilégios. Aproveite as oportunidades exclusivas para associados e faça a sua adesão à previdência privada da APM.

*Plano coletivo por adesão: trata-se de um plano pensado para uma coletividade, definido de acordo com a sua categoria profissional ou área de atuação e vinculado a uma entidade de classe ou instituição que a representa.

8

PLANOS DE SAÚDE A APM disponibiliza planos de saúde com soluções completas para seus associados. Em condições diferenciadas, você encontra: rede médica de qualidade, livre escolha de reembolso, negociação nos ajustes, agilidade na realização de procedimentos e internações, acompanhamento e controle nas sinistralidades, plano coletivo por adesão*, carências reduzidas, e muito mais.

SEGUROS Afiliados têm a oportunidade de contratar seguro de automóvel, residência, equipamento, viagem e patrimonial (consultórios, clínicas e hospitais) das melhores seguradoras do mercado, por preços e condições exclusivas, extensivas aos pais, filhos e cônjuges.


SEGURO DE VIDA + DIT (Diária de Incapacidade Temporária) Associados recebem R$100,00 por dia de afastamento, em um período de até 90 dias, por meio da “Diária de Incapacidade Temporária”.

FATURAMENTO DE CONTAS MÉDICAS

Além disso, obtém até R$70.000,00 de seguro de vida por morte acidental ou invalidez permanente, ou parcial por acidente.

Através de parcerias, a APM oferece o serviço de faturamento de contas médicas, com um desconto significativo, aos afiliados. Além de obter aumento de produtividade e lucratividade, os médicos podem reduzir os custos com mão de obra.

O benefício é válido para associados adimplentes até 64 anos de idade. Para associados adimplentes de 65 a 75 anos só é válido o Seguro de Vida por morte acidental ou invalidez permanente, ou parcial por acidente.

RENDA PROTEGIDA APM Todos os associados têm direito a uma apólice gratuita. Mas, aqueles que desejarem complementar o benefício, podem fazê-lo com seguradoras parceiras da APM, que oferecem descontos expressivos nessa complementação.

Ilustração: Aline Gonzaga

AUXÍLIO NA OBTENÇÃO DE DOCUMENTOS CERTIDÕES: Assistência na obtenção de diversas certidões para os afiliados, como a negativa da Receita Federal, negativa da Justiça do Trabalho e atestado de antecedentes.

ATESTADO MÉDICO

PASSAPORTE: Assessoramento no preenchimento dos formulários requeridos para a solicitação do passaporte brasileiro, sem custo para o associado.

A Associação Paulista de Medicina fornece formulários de atestados médicos e de saúde ocupacional, impressos e digitais, em diversos modelos, para médicos, consultórios, clínicas, hospitais e empresas.

VISTOS: A entidade mantém parceria com uma empresa que oferece descontos especiais aos médicos na obtenção do visto consular, independente do país de destino.

Também solicita autorizações para obtenção de receituários controlados, além de confeccionar os blocos, os quais serão entregues com qualidade, segurança e praticidade no endereço desejado.

E TEM MAIS! ACESSE: www.associacaopaulistamedicina.org.br

9


CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL

Cerimônia reúne médicos e familiares para entrega de CRM Todos os setenta assentos que compõem o auditório da APM Taubaté foram ocupados na noite do dia 23 de abril. Entre médicos recém-formados, familiares e representantes de entidades médicas acontecia a solenidade de entrega da Carteira Profissional de Medicina. Logo no início, foram exibidos vídeos institucionais da Associação Paulista de Medicina e do Cremesp (Conselho Regional de Medicina do Estado de S. Paulo), que tinham o propósito de informar os novos profissionais sobre as atividades classistas desempenhadas pelas entidades. Em continuidade, entoou-se o hino nacional, por se tratar de um ato oficial, e, em prosseguimento, iniciaram-se os discursos dos oradores.

Um dos temas destacados durante as explanações diz respeito aos valores éticos que devem nortear a profissão. De acordo com a Conselheira do Cremesp, os novos médicos devem conscientizar-se sobre a importância da humanização para o exercício da boa Medicina. “O médico tem que atender o paciente com sabedoria, honestidade e caridade”, aconselhou Dra. Silvana Morandini. Após os pronunciamentos, os 40 recém-graduados presentes foram chamados ao palco para receber a Carteira do CRM das mãos dos oradores. Foi um momento de realização pessoal para os médicos e de emoção para as famílias. Rumo ao encerramento do evento, os médicos declamaram conjuntamente um termo de compromisso à Medicina, editado pelo Cremesp. Para conferir mais fotos do evento acesse: www.apmtaubate.com.br/galeria_fotos

Dra. Marina Rodrigues Barbosa Graduada em Medicina pela UNITAU “Sempre foi minha vontade cursar Medicina, nunca quis fazer outra faculdade. Agora, recebendo a carteirinha do CRM, é como se eu oficializasse esse sonho”. Sra. Rosa Maria Rodrigues Barbosa Mãe da Dra. Marina “É a realização de um sonho que também é da gente (*família). Durante essa jornada nos mantivemos juntas, incentivando e batalhando. Estar nesta cerimônia é muito gratificante”

Dr. Tiago e sua mãe, Sra. Vânia

Dr. Tiago Guimarães Graduado em Medicina pela UNIMES “Estou começando agora a carreira médica, então tudo é novidade para mim. Participar dessa ocasião me deixa muito feliz”. Sra. Vânia Guimarães Mãe do Dr. Tiago “É uma mistura de emoção com dever cumprido estar aqui nesse momento. É gratificante a sensação de que ele está sendo bem encaminhado na vida”.

Fotos: Ana Cláudia Bohler

A cerimônia foi presidida pela Dra. Silvana Maria Figueiredo Morandini (Conselheira Regional do Cremesp), a qual convidou para compor a mesa dos trabalhos os doutores André Luís Ferreira Santos (Delegado superintendente do Cremesp Taubaté), Lauro Mascarenhas Pinto (Delegado superintendente do Cre-

mesp São José dos Campos) e Camillo Soubhia Junior (presidente da APM Taubaté). O Dr. Aloisio Vieira Fernandes (Delegado do Cremesp Taubaté), presente no evento, também discursou.

Dra. Marina e sua mãe, Sra. Rosa Maria

Os oradores da noite, representantes da APM e do Cremesp: Dr. Camillo Soubhia Junior (à esq.), Dr. Lauro Mascarenhas, Dr. Aloisio Fernandes, Dra. Silvana Morandini e Dr. André Luis Santos (à dir.)

10

Conquista! Em solenidade, quarenta médicos adquirem Carteira Profissional de Medicina


Quality Cancer Care: Recognizing Excellence


MATÉRIA DE CAPA

ELEIÇÕES UNITAU 2018 Gestores tomam posse em julho e comandam Universidade pelos próximos 4 anos Assim como nas eleições governamentais, a cada quatro anos a Universidade de Taubaté elege seus representantes. Nos últimos dois mandatos, ocorridos nos períodos de 2010 a 2014 e 2014 a 2018, a UNITAU foi regida por José Rui Camargo, engenheiro que dedicou 37 anos de trabalho à instituição por meio de atividades acadêmicas e de gestão. No início do magistério, lecionou para graduandos do Departamento de Engenharia Mecânica, onde ocupou o cargo de diretor por quatro mandatos. Já na Reitoria, assumiu o ofício de vice-reitor no intervalo de 2006 a 2010 e, na sequência, tornou-se dirigente máximo por oito anos seguintes.

mestrado e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (USP).

Após desligamento do cargo, o comando da UNITAU foi repassado interinamente a Isnard Albuquerque Câmara Neto, então sucessor de José Rui. Isnard tem formação de Oficial do Exército pela Academia Militar das Agulhas Negras, é graduado em História pela Universidade de Taubaté, e possui

ELEIÇÕES Durante abril e maio deste ano, candidatos à Reitoria realizaram campanha para divulgar propostas e angariar simpatizantes.

Fotos: Leonardo Oliveira / ACOM

Após quase quatro décadas de serviços prestados, José Rui anunciou

a aposentadoria no último 6 de abril. O antigo reitor declara ter adquirido rico aprendizado na maior universidade do Vale do Paraíba. “O exercício da Reitoria me proporcionou a oportunidade de adquirir grande experiência administrativa na área de gestão pública, além de aprofundar meus conhecimentos nas questões fundamentais da educação, ciência, tecnologia, inovação e desenvolvimento regional, sem deixar de lado o enfoque social. Também fiz muitos amigos e conheci pessoas especiais. Assim, só tenho a agradecer!”, contou José Rui.

Prof. Dr. Isnard Albuquerque (à dir.) assume interinamente o comando da UNITAU, após anúncio de aposentadoria do reitor Prof. Dr. José Rui Camargo (à esq.)

12

Professor da UNITAU desde 1997, foi diretor-presidente da Fundação Universitária de Saúde de Taubaté (Fust) no período de 2006 a 2014. Em 2014, assumiu a vice-reitoria da Universidade. De 2015 a 2017, ocupou o cargo de pró-reitor de Administração. Também integra o Conselho Universitário, Conselho de Ensino e Pesquisa, e Conselho de Administração da UNITAU.

Após votação pela comunidade acadêmica, o Colégio Eleitoral especial da Universidade - constituído pela reunião dos Conselhos Universitário; de Ensino e Pesquisa; e de Administração - homologou a lista tríplice dos candidatos em 29 de maio. No dia seguinte, 30, a relação com o nome dos três reitoráveis foi encaminhada ao Prefeito Municipal Ortiz Junior (PSDB). “Entendo que o próximo reitor da UNITAU deve assumir alguns desafios e encará-los como prioridade em sua gestão. Em primeiro lugar é preciso equilibrar a receita e a despesa da instituição. Também é necessário enxergar qual é a vocação da universidade, quais cursos têm condição de continuar a existir e quais devem ser encerrados. A modernização da instituição tam-


bém passa por um maior estímulo aos cursos EAD (Ensino a Distância). A universidade conta hoje com bons cursos de mestrado, mas precisa investir em cursos de doutorado, além de promover uma política salarial adequada para os professores”, esclareceu Ortiz Junior. No dia 25 de junho, em obediência ao artigo 65 da Lei Orgânica do Município, a Câmara de Vereadores recebeu os indicados pelo Prefeito, Profa. Nara Fortes e Prof. Jean Soldi, para uma sabatina. ELEITOS Em 25 de junho, a portaria de nomeação foi assinada pelo Prefeito Ortiz Junior e, no dia seguinte, 26, o documento foi publicado na edição

Ao lado dos candidatos à Reitoria, Dr. Camillo Soubhia Junior, presidente da APM e membro do Conselho Universitário, participa do evento de homologação da lista tríplice

do jornal A Voz do Vale. Assumirão a Reitoria da UNITAU a Profa. Dra. Nara Lúcia Perondi Fortes, no cargo de reitora, e o Prof. Dr. Jean Soldi

Esteves, na função de vice-reitor. A posse dos eleitos foi agendada para 3 de julho, data em que se inicia o mandato de quatro anos.

Profa. Dra. Nara Lúcia Perondi Fortes e Prof. Dr. Jean Soldi Esteves

Fotos: Leonardo Oliveira / ACOM

Formação acadêmica

Carreira na UNITAU

Graduação: Ciências Biológicas (Uni- Ingressou na UNITAU versidade de Passo Fundo - 1988) em 1993 como docente de Fitopatologia no DeEspecialização: Controle biológico de partamento de Ciências doenças de plantas (Empresa Brasilei- Agrárias. Foi assessora ra de Pesquisa Agropecuária - 1989) na Pró-reitoria de PesMestrado: Microbiologia Agrícola e do quisa e Pós-graduação, Ambiente (Universidade Federal do Rio na Pró-reitoria de Extensão e na Pró-Reitora Grande do Sul - 1993) Estudantil. Atua na CoDoutorado: Agronomia: Proteção de pesa desde 1994, e, desPlantas (Universidade Estadual Pau- de 2002, é Presidente. lista Júlio de Mesquita Filho - 2004) Atualmente, é Pró-Reitora de Graduação Graduação: Direito (Universidade de É lotado no DepartaTaubaté - 1997) mento de Ciências Jurídicas desde 2003, onde Pós-graduação: Direito Processual atua como professor. Civil (Universidade de Taubaté - 1999) Coordenou o Escritório Especialização: Direito empresarial de Assistência Jurídica (Instituto Brasileiro de Estudos e em 2006, e, no mesmo Pesquisas Socioeconômicas - 2002) ano, foi conselheiro do Departamento de CiênMestrado: Direito (Pontifica Universi- cias Jurídicas dade Católica de São Paulo - 2008) Doutorado: Direito (Pontifica Universidade Católica de São Paulo - 2013)

Plano de gestão “Queremos uma Instituição que garanta excelência no ensino, na pesquisa e na extensão; uma Universidade que valorize seus professores e funcionários, que preze pelo atendimento de qualidade aos alunos, que inove pedagogicamente e acompanhe os avanços do mundo moderno. Queremos uma Universidade que atue com responsabilidade social e com compromisso em relação ao relacionamento com a comunidade. E queremos que tudo isso seja empreendido sob o diálogo constante com todos aqueles que compõem a comunidade UNITAU”.

13


CONCORRENTES Prof. Dr. Francisco José Grandinetti e Prof. Dr. Oscar César Pires

Fotos: Leonardo Oliveira / ACOM

Formação acadêmica

Carreira na UNITAU

Graduação: Engenharia Mecânica (Universidade Ocupou os cargos de Chefe do DeFederal de Uberlândia - 1988) partamento de Engenharia Mecânica (1998 a 2002 e 2006); Chefe do DeMestrado: Engenharia Aeronáutica e Mecânica partamento de Matemática e Física (Instituto Tecnológico de Aeronáutica - 1992) (1999 a 2000); Pró-reitor de Economia Doutorado: Engenharia Aeronáutica e Mecânica e Finanças (2006 a 2007); Pró-reitor (Instituto Tecnológico de Aeronáutica - 1998) em de Administração (2007 a 2014 e 2017). Mecatrônica e Dinâmica de Sistemas

Atualmente, é Pró-reitor de Administração

Graduação: Medicina (Universidade Federal Atua na instituição desde 1999 e é lotade Juiz de Fora - 1988) e Residência Médica em do pelo Instituto Básico de Biociências. Anestesiologia (Hospital das Clínicas da FaculdaAtualmente, é professor assistente de de Medicina da USP de Ribeirão Preto) Doutor e Diretor do Instituto Básico Mestrado: Ciências Farmacêuticas: Insumos e Me- de Biociências dicamentos (Universidade São Francisco - 2000) Doutorado: Anestesiologia (Universidade de São Paulo - 2009) Prof. Dr. Mário Celso Pellogia e Prof. Dr. Xenofonte Paulo Rizzardi Mazzini Formação acadêmica Graduação: Odontologia (Universidade de Taubaté - 1987)

Fotos: Leonardo Oliveira / ACOM

Mestrado: Endodontia (Universidade de Taubaté - 1995) Doutorado: Endodontia (Universidade de Taubaté - 2000)

Ingressou como Professor em 1989, lotado no Departamento de Odontologia. Foi Assessor de convênios da Universidade e Pró-reitor de Extensão (2008). Atualmente, é Pró-reitor de Finanças

Especialização: Saúde Coletiva e Saúde da Família (Universidade Cruzeiro do Sul - 2006) Graduação: Medicina (Universidade Federal de Juiz de Fora - 1988) e Residência Médica em Anestesiologia (Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto)

Tornou-se Diretor da Faculdade de Medicina de Taubaté em 1984. Ingressou na Universidade como professor em 1999 e foi membro da Comissão de Transferência do Curso de Medicina, Mestrado: Ciências Farmacêuticas: Insumos e Me- em 2014. dicamentos (Universidade São Francisco - 2000) Atualmente, é Diretor do DepartamenDoutorado: Anestesiologia to de Medicina (Universidade de São Paulo - 2009) UNITAU A Universidade de Taubaté congrega 15 mil alunos e cerca de 1.300 servidores, entre professores e funcionários técnico-administrativos. Os serviços educacionais da autarquia têm início na Escola de Aplicação Dr. Alfredo José Balbi,

14

Carreira na UNITAU

a qual promove os ensinos fundamental, médio e técnico. Em termos acadêmicos, são oferecidos 65 cursos de graduação - presencial e à distância, além de cursos de extensão e de pós-graduação. De acordo com a Central de Comunicação da UNITAU (ACOM), a nova gestão

vai administrar um orçamento anual estimado em R$ 213.414.458,00. Ainda segundo a ACOM, as contas da Universidade estão equilibradas. “Tivemos alguns problemas em 2017 por conta do atraso nos repasses do FIES, mas que já foram equacionados”, informou.


Tradição e seriedade a serviço da boa medicina.

(12) 2123.9200

Central Analítica Rua Dr. Urbano Figueira, 100 Centro – Taubaté – SP

Taubaté

Caçapava

Jacareí

Av. Independência, 650 (12) 3681.3990

Av. Coronel Manoel Inocêncio, 577 - Centro (12) 3653.2992

Rua João Américo da Silva, 325 - Centro (12) 3951.9475

Pindamonhangaba

Guaratinguetá

Caraguatatuba

Rua Dr. Frederico Machado, 109 - Centro (12) 3642.1066

Rua Visconde de Guaratinguetá, 227 (12) 3132.3100

Av. Anchieta, 196 Centro (salas 12,13 e 14) (12) 3883.1468

Campos do Jordão

São José dos Campos

São José dos Campos

Av. Dr. Januário Miráglia, 608 Abernéssia, 1.536 – Salas 4/5 Centro Comercial AMC (12) 3662.3894

Av. Avenida São João, n°. 1644 - Jardim Esplanada/(12) 3931.4068

Nome Fantasia: CDA Centro Diagnóstico Andrade Av. Dep. Benedito Matarazzo, 5.701 - Pq. Residencial Aquarius (Carrefour Aquarius) (12) 3921.3920

São Paulo

São Paulo

São Paulo

Rua Santo Alexandre, 236 - Vila Guilhermina (11) 2682.5000

Rio das Pedras, 555 Aricanduva (Carrefour Aricanduva) (11) 2781.2033

Av. Morvan Dias Figueiredo, 3177 (Carrefour Tietê) Vila Maria (11) 2636-8520

facebook.com/laboswaldocruz

www.oswaldocruz.com.br

(12) 99105-5439 15


HOMENAGEM

Até mais, “Nego”! Dr. Andraus, estimado e renomado psiquiatra de Taubaté, partiu no último dia 26 de fevereiro vítima de Alzheimer.

Foto: Reprodução / Pemano

Sensibilizados com sua partida, prestamos esta homenagem ao colega e amigo que deixou saudade e um legado de humanidade no exercício da Medicina. MEDICINA Na juventude certificou-se da aptidão para ciências biológicas e dedicou-se ao ingresso na faculdade de Medicina. Graduou-se pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, e, ao longo de sua carreira, prestou atendimentos em sua clínica particular, localizada na Rua Barão da Pedra Negra, no Centro da cidade, e atuou para o Governo do Estado em unidades prisionais. CASA DE CUSTÓDIA E PRESÍDIO DR. EDGARD MAGALHÃES NORONHA Por muitos anos, Dr. Andraus trabalhou na casa de Custódia de Taubaté, conhecida por abrigar condenados que cometeram crimes de grande repercussão. A unidade, que completou 100 anos em 2014, hoje abriga um hospital psiquiátrico e de custódia. Os internos são presos que não possuem condições de cumprir pena em um presídio comum, ou que até já cumpriram pena, mas não têm condições de manter um convívio social. No Centro de Progressão Penitenciária Dr. Edgard Magalhães Noronha, mais conhecido como Pemano, em Tremembé, Dr. Andraus foi designado para exercer a função de Diretor Técnico de Divisão de Saúde, na qual atuava como Clínico Geral e supervisionava os atendimentos.

16

Em agradecimento aos serviços prestados, o Pemano, de Tremembé, homenageou o médico intitulando o novo Núcleo de Saúde de “Centro de Atendimento Ambulatorial Antonio José Elias Andraus”

Prestou serviços no período de setembro de 1988 a março de 1997, quando se aposentou. Em sua homenagem, intitularam o Núcleo de Saúde, reformado em 2008, como “Centro de Atendimento Laboratorial Dr. Antonio José Elias Andraus”. Esse presídio, inaugurado em 1990, acolhe detentos do regime semiaberto. Tem capacidade para 2672 vagas e população de 2465 internos (dados de 22 de maio de 2018). POLÍTICA Para ocupar um cargo na 5ª Legislatura (1964 a 1968) da Câmara Municipal de Taubaté, candidatou-se a vereador no ano de 1963 pelo PTN (Partido Trabalhista Nacional). Eleito, legislou ao lado de 18 vereadores, entre eles, Humberto

Puccinelli Filho, Judith Mazella Moura e Renato Féres. Permaneceu na vereança até o dia 10 de fevereiro de 1966, quando pediu renúncia. Em seu lugar, assumiu Omar de Abreu Rangel. Responsabilizou-se pela autoria da Lei nº897, de 15 de outubro de 1965, que declara de utilidade publica a Apae (Associação Pais e Amigos dos Excepcionais), entidade com a qual colaborava. ASSOCIAÇÃO PAULISTA DE MEDICINA Por duas gestões, Dr. Andraus esteve à frente da Regional Taubaté. Tornou-se presidente da entidade, pela primeira vez, no biênio 1985-


1987. Nos dois anos seguintes, 19871989, permaneceu no cargo e empenhou esforços para que a entidade fosse reconhecida pela categoria médica como uma aliada na luta por melhores condições de trabalho.

HOMENAGEM Em reconhecimento ao profissionalismo e bom humor, características notáveis de sua personalidade, amigos e ex-colegas de trabalho depuseram em sua homenagem:

FAMÍLIA Nascido no dia 23 de março de 1933 em Guaratinguetá (SP), Antônio José Elias Andraus mudou-se para Taubaté ainda criança, aos cinco anos, acompanhado dos pais José Elias Andraus e Adélia Zattar Andraus.

“Sinto bastante a perda do Dr. Andraus.

Casou-se com a pediatra Mirtes Fantezia Andraus, com teve três filhos: Ana Beatriz, César e Luiz Antonio, além de três netos.

Era bom profissional, bom colega, bom amigo e, também, sempre alegre e brincalhão.” Dr. Antonio Maury Lancia (médico) Foto: Reprodução

“Seria redundante falar do reconhecido alto senso de profissionalismo e competência que se denotava na pessoa do Dr. Andraus e como psiquiatra de formação, no caso específico do sistema penitenciário que, no que concerne a sua área de atuação ajudou a implantar com sucesso junto a outros pioneiros a primeira unidade prisional de regime Semi Aberto da região do Vale do Paraíba, hoje, maior Centro de Progressão em área construída e número de vagas do país. Figura sui generis, de apurado senso de humor e habilidade para o trato com a pessoa humana, deixou contribuição valiosa não somente nas habilidades profissionais que lhe eram inerentes como médico, mas também na solução harmoniosa de muitos momentos de tensão inerentes ao ambiente e condições do cárcere.”

Dr. Silvio Ferreira de Camargo Leite (DiretorTécnico do Pemano) Foto: Reprodução

Foto: Reprodução / Pemano

“Andraus foi uma pessoa muito interessante. Brincalhão, contando sempre alguma coisa engraçada e tendo, durante sua vida, passado por muitas coisas até folclóricas. Por exemplo, seu cumprimento de Natal era assim: “Que todo pobre fique rico e que todo rico fique louco”. Dizia isto, naturalmente, por ser psiquiatra e desejar pacientes ricos. Atendia no Pronto Socorro do antigo Santa Isabel, e era comum que cantasse enquanto fazia uma sutura. Sua marca registrada era a maneira de se dirigir aos colegas: “Oi, nego”.”

Dr. José Paulo Pereira (médico) Documento histórico! Em 1960, o Governo do Estado de S. Paulo emitiu um certificado atestando a capacidade física e a sanidade mental no médico, requisitos exigidos para ocupação de um cargo público

Foto: Reprodução

17


EDUCAÇÃO

Renomadas instituições da área médica como Conselho Federal de Medicina (CFM), Conselho Regional de Medicina (Cremesp), Associação Médica Brasileira (AMB) e Associação Paulista de Medicina (APM) promoveram diversas manifestações públicas nos últimos meses contra a abertura indiscriminada de escolas de Medicina em território nacional, principalmente no Estado de São Paulo. Diante dessas reivindicações e da avaliação de que a oferta de graduações cresceu muito nos últimos tempos, o ex-ministro da Educação, Mendonça Filho, assinou no dia 5 de abril uma moratória que impede a criação de novas escolas de Medicina durante o período de cinco anos. O ex-ministro justificou a decisão citando que “essa é uma parada necessária para assegurar que todos os cursos tenham a qualidade necessária”. Promovida a atualização de duas portarias, o decreto passou a determinar que estivessem suspensas a abertura de novos cursos e a ampliação do número de vagas por parte das instituições - públicas ou privadas - que já oferecessem o ensino da carreira. A exceção se aplica apenas às escolas que se encontram em processo de implantação. Além da medida, Mendonça Filho anunciou a criação de uma comissão encarregada de avaliar os cursos que atualmente estão em funcionamento. A equipe será integrada por representantes do Ministério, entidades médicas e professores. “Nosso zelo é com a formação do médico. Ele não é um profissional como outro qualquer. Um profissional malformado compromete vidas humanas”, declarou o ministro.

18

Questionado se o “congelamento” das vagas comprometeria o provimento de postos médicos, especificamente em locais onde a oferta de profissionais é precária, o ministro afirmou: “A demanda será atendida com os cursos já criados. A abertura de postos já superou a demanda”.

Foto: Reprodução

MEC proíbe criação de cursos de Medicina por 5 anos

O porta-voz do decreto, o ex-ministro da Educação, Mendonça Filho, afastou-se do cargo no dia 6 de abril para disputar as eleições deste ano. A pasta foi assumida por Rossieli Soares da Silva, que foi empossado no dia 10 de abril

ENSINO MÉDICO Segundo informações do Cremesp, há atualmente no país 311 escolas médicas. Dessas, 218 foram abertas nos últimos 20 anos. Esse contingente faz com o que o Brasil seja classificado como o segundo país com mais cursos de Medicina no mundo, atrás apenas da Índia, que possui 399. Em nossa região, três instituições proporcionam o ensino médico, sendo elas: Faculdade de Medicina de Taubaté (UNITAU), Faculdade de Ciências Médicas de São José dos Campos (Humanitas) e Escola de Medicina e Ciências da Saúde (Universidade Anhembi Morumbi). Ambas estão impedidas de promover o aumento de vagas durante o período de cinco anos. Em entrevista à APM Taubaté, a Conselheira Regional do Cremesp, Dra. Silvana Maria Figueiredo Morandini, destacou que o congelamento de novos cursos é uma medida necessária para resguardar a qualidade do ensino sobre Medicina. “A abertura de cursos de forma indiscriminada colabora com a formação de médicos despreparados e coloca em risco a saúde da população”, alertou.

Em complemento, a Conselheira explicou que não há carência de médicos no Brasil. O que ocorre é a incorreta distribuição de profissionais pelo território nacional. “Não há escassez de médicos no Brasil, há uma má distribuição. Há 347 mil médicos no Brasil, no entanto, a concentração de 72% desse contingente no Sul e Sudeste configura grave problema em decorrência da falta de políticas públicas para a interiorização da Medicina e da assistência”, relatou.

CAMPANHA “PELA BOA MEDICINA” Desde outubro de 2017, o Cremesp está articulando uma campanha a favor da sanção de uma lei federal que imponha a aplicação de um exame obrigatório a todos os alunos e egressos de Medicina em todo o país. Através de uma petição online, a entidade tem como meta alcançar um milhão de assinaturas para serem encaminhadas ao Congresso Nacional. A participação ocorre através do site: www.exameobrigatorio.com.br


19


Foto: Reprodução

CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREMESP

Exame do Cremesp 2018 Por: Dra. Silvana Morandini

Conselheira do CREMESP Diretora Segunda Secretária Coordenadora da Câmara Técnica de Reprodução assistida

A

s inscrições para a 14ª edição do Exame do Cremesp foram antecipadas neste ano e abertas a partir do dia 24 de abril. Os interessados puderam se inscrever, gratuitamente, até o 23 de maio, pelo site da Fundação Carlos Chagas, responsável pela elaboração e aplicação das provas. A avaliação será aplicada no dia 19 de agosto de 2018 aos egressos do sexto ano ou do 12º período de Medicina das escolas do Estado de São Paulo, mas alunos de outros Estados também podem realizar a prova. O Exame consiste em uma prova com 120 questões de múltipla escolha e tem duração de até cinco horas. Para ser aprovado, o candidato deve responder corretamente a 72 questões, o que corresponde a um percentual de acertos de 60%. O Exame será realizado em: São Paulo, Botucatu, Campinas, Marília, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, São José do Rio Preto e Taubaté. Desde 2005, o Exame é aplicado, anualmente, pelo Conselho Regional de Medicina (Cremesp) para avaliar a formação médica dos alu-

20

nos. São aferidos os conteúdos básicos de áreas consideradas essenciais na Medicina, como Clínica Médica, Clínica Cirúrgica, Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia, Saúde Pública, Epidemiologia, Saúde Mental, Bioética e Ciências Básicas (Fisiologia, Bioquímica, Microbiologia e Parasitologia, Biofísica e Biologia Molecular). RESIDÊNCIA MÉDICA A participação na prova é facultativa e não está condicionada à obtenção do registro profissional, mas ganhou reconhecimento em 2015, quando passou a ser critério para acesso a importantes programas de Residência Médica (RM) e, também, para participação em concursos públicos nos âmbitos estadual e municipal. Dentre as instituições que consideram o Exame do Cremesp como critério para contratação, estão as secretarias de Saúde do Estado e do Município de São Paulo, os hospitais Albert Einstein, Sírio-Libanês e Oswaldo Cruz, integrantes da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), Unimeds de Ribeirão Preto, Santos, Jundiaí, Presidente Prudente, Botucatu, Bauru, Alta Mogiana (Hortolândia, Sales Oliveira, Morro Agudo, São Joaquim da Barra, Nuporanga e Ipuã) e Norte Paulista

(Aramina, Buritizal, Guará, Igarapava, Ituverava e Miguelópolis). O Exame também passa a ser considerado para ingresso nos programas de Residência Médica nas Faculdades de Medicina do ABC, de São José do Rio Preto, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Santa Casa de São Paulo, Universidade de Santo Amaro (Unisa), Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Campinas e, também, os hospitais do Servidor Público Estadual (Iamspe), Albert Einstein, Sírio-Libanês, Oswaldo Cruz e Hospital do Coração (HCor). SIMULADO Na edição de 2017 do Exame, o Cremesp aplicou um simulado inédito para os alunos do 6º ano de Medicina. Elaborado pela Fundação Carlos Chagas (FCC), o Simulado do Exame do Cremesp é facultativo e proporciona aos estudantes condições de avaliar e melhorar seu desempenho, bem como se familiarizar previamente com o modelo de prova. O Simulado deste ano, com 60 questões online de múltipla escolha, foi agendado para 8 de julho.


Foto: Gilberto Freitas

REGIONAL SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Planejar para avançar Por: Dr. David Alves de Souza Lima

O

primeiro trimestre de 2018 foi de intensa atividade para a APM São José dos Campos. Atuando em várias frentes, a diretoria vem promovendo esforços no sentido de propor e implementar ideias inovadoras, sem perder de vista a experiência dos colegas que participam há muitos anos da vida associativa da comunidade médica da cidade.

Uma das primeiras ações de 2018 foi o desenvolvimento do Planejamento Estratégico da Associação. Orientados por um profissional com larga experiência em gestão de organizações ligadas à área médica, os diretores reuniram-se para discutir e delinear as diretrizes institucionais da APM, além da importância de se priorizar a Missão, Visão e Valores da Associação.

Quem somos, onde queremos chegar e quais são os nossos princípios? MISSÃO – Representar os interesses da classe médica, fortalecendo-a nos âmbitos político, científico e social, de forma a favorecer o bem-estar da sociedade. VISÃO DE FUTURO – Ser modelo de excelência de entidade representativa da classe médica. VALORES – Comprometimento, Credibilidade, Dignidade, Ética, Responsabilidade Social, Tradição e Transparência. Também foi produzido o Mapa Estratégico 2018-2020, que apresenta os objetivos de forma estruturada, de acordo com as diretrizes estabelecidas pela diretoria.

22

Visando à Sustentabilidade da Associação, os objetivos buscam fomentar o associativismo médico; promover benefícios e satisfação às partes interessadas; e gerar recursos financeiros para sustentar projetos e ações. Nesse sentido, foi iniciada a campanha APM Itinerante, com ações em eventos voltados para médicos em clínicas e hospitais, buscando a ampliação do quadro associativo da APM São José dos Campos. No relacionamento com a Sociedade, os objetivos incluem a realização de campanhas e eventos sociais; o desenvolvimento de eventos culturais e a promoção da integração; a intensificação de ações em defesa dos interesses profissionais da classe médica; a realização de eventos de atualização e qualificação profissional; a promoção da prática de atividades esportivas; e a massificação da comunicação e do relacionamento com os públicos da Associação. Dentre as ações já em curso nessa área, destaca-se a Caminhada Agita São José, realizada em abril, e o início das negociações com as operadoras de planos de saúde, visando a valorização do trabalho do profissional médico. Em relação aos Procedimentos Internos, os objetivos incluem a atualização da estrutura organizacional e das atividades das diretorias; o fomento à integração das diretorias e o apoio à atuação efetiva de seus membros; a estruturação da comunicação de forma integrada e estratégica; a realização de campanhas e ações para

Foto: Divulgação / APM

Presidente Regional SJC

Diretores da APM São José dos Campos participaram do processo de elaboração do Planejamento Estratégico da instituição

conquistar novos associados; e a ampliação de parcerias estratégicas públicas e privadas. Aqui, além da já mencionada campanha APM Itinerante, destaca-se o desenvolvimento de um novo site na Internet e a dinamização da participação da APM São José dos Campos nas redes sociais. Finalmente, na área de Aprendizado e Crescimento, foram delineados os seguintes objetivos: formar, orientar e integrar pessoas para atuarem em favor da sociedade; fortalecer a imagem e os propósitos da APM junto aos seus públicos; praticar a prestação de contas para as partes interessadas; e modernizar a infraestrutura física e os meios de tecnologia e informação. Temos muito trabalho pela frente e, sem dúvida alguma o Planejamento Estratégico nos trouxe a visão e a organização necessárias para que todo o nosso trabalho e todo o nosso esforço seja otimizado na direção de uma APM cada vez mais forte e atuante.


23


REGIONAL GUARATINGUETÁ

Foto: Reprodução

Falando de vinho... Cabernet Sauvignon, a rainha das uvas Por: Dr. Antonio Diniz Torres Cardiologista

São muitas as castas de uvas utilizavas na produção de vinho, escolhemos três uvas tintas (Cabernet Sauvignon, Merlot e Malbec) e três uvas brancas (Chardonnay, Sauvignon Blanc e Riesling) para iniciar esta série. Na sequência, e da mesma forma, aleatoriamente, falaremos de muitas outras uvas, certamente tão importantes quanto essas.

lha e chocolate, tânicos e com boa acidez, é ótima para harmonizar com carnes vermelhas.

Didaticamente, podemos dividir as uvas em dois tipos: o que se destina a produção de vinho (Vitis vinífera), e o que é usado principalmente para sucos, doces, passas e consumido como fruta in natura (Vitis Labrusca e outras).

O inverno estimula o consumo de vinhos com mais corpo, mais estrutura, e que devem ser consumidos em temperaturas mais “altas”, em torno de 18 graus Celsius. Sendo assim, vamos às uvas tintas!

Gosto não se discute! Vamos encontrar defensores dos cortes e defensores dos varietais. Recomendo não dar ouvidos a preconceitos e experimentar todos os vinhos, só assim poderemos desfrutar desses maravilhosos vinhos e construir a nossa preferência.

Já dissemos que o “velho mundo” habitualmente produz vinho em cortes ou blends, misturando várias cepas de uvas e criando grandes vinhos que ficaram conhecidos pelo nome das regiões que os produzem. Com a ampliação da cultura do vinho para o dito “novo mundo”, começaram a surgir vinhos que trazem estampado no rótulo a variedade da uva utilizada, dando origem aos vinhos varietais ou monovarietais, vinhos de uma única uva (100%) ou, de acordo com a legislação de cada região, vinhos que obrigatoriamente são compostos por no mínimo 75% da uva principal.

24

A primeira da nossa série será a CABERNET SAUVIGNON, conhecida como a “rainha das uvas”. Originária de Bordeaux, surge como uva híbrida, resultado do cruzamento da uva Cabernet Franc (tinta) e Sauvignon Blanc (branca), sendo a predominante na região à margem esquerda do Rio Gironde. Geralmente compondo o conhecido corte bordalês, é acompanhada pelas Merlot, Cabernet Franc, Pétit Verdot e Malbec. Produzindo vinhos finos, tintos de cor escura intensa, com tons violáceos ou acastanhados, com aromas francos que podem lembrar cassis, ameixa preta, bauni-

Já no novo mundo, a Cabernet Sauvignon é apresentada em varietais, preservando suas características e, por vezes, sendo considerada mais aromática.

Confesso não haver conflito de interesses e vou sugerir um vinho fácil de ser encontrado na nossa região, um exemplar chileno, varietal, da Casa Concha y Toro, o Gran Reserva - Série Ribeiras, da uva Cabernet Sauvignon. Em minha opinião, é uma das melhores relações de custo benefício do mercado. Desejo uma experiência proveitosa para os que aceitarem a indicação, e lembro que se IN VINO VERITAS IN ACQUA SANITAS e se BEBER NÃO DIRIJA.

Fotos: Google Creative Commons

O

que é o vinho? De uma maneira simples, é o fermentado do suco de uvas. Uva, esse fruto magnífico, que prensado libera um suco delicioso, que quando fermentado produz o vinho, essa bebida viva, de cores marcantes e aroma franco que agrada aos mais diversos paladares.


25


DIRETÓRIO ACADÊMICO BENEDICTO MONTENEGRO DABM

Fórum de Educação debate a mercantilização do ensino e suas consequências no meio médico Por: Desirrê Vizzotto Comunicação DABM

26

Organizadores do FEMUT agradecem a presença de acadêmicos de Medicina durante a Mesa Redonda

finalizar, tivemos uma Mesa Redonda composta por quatro acadêmicos de Medicina de diferentes Universidades: João Resende, da USP Ribeirão, Anderson Pereira, da UNICID, Guilherme Machado, da UNESP e Fernanda Stábile, da Centro Universitário Barão de Mauá. Nosso objetivo era debater essa realidade nas Escolas Médicas, explorar os desafios socioeconômicos a serem transpostos no meio acadêmico e limitações de programas de inclusão, tais como ProUni e FIES, além de pensar formas factíveis de despertar a consciência discente sobre esse tema. Além de acadêmicos de Medicina, tivemos a presença de outros cursos, como Direito e Psicologia, demonstrando que o tema não é só imprescindível para o ensino médico, mas para a comunidade acadêmica em sua integralidade. Para tamanha realização, contamos com o auxílio de nossos parceiros, Padaria DiGrano e Damásio Educacional, este último estando presente durante todo o evento e sorteando dez kits de material do curso preparatório para a Residência oferecido pelo grupo.

A gestão 2017-18 do DABM orgulha-se do alcance e da proporção que nosso Fórum tem tomado e, como órgão político, continuará a propiciar o debate de temas arrojados, por vezes, polêmicos, mas que não podem ser negligenciados pela futura classe médica. É nosso propósito que o FEMUT conquiste seu espaço na tradição da Faculdade de Medicina de Taubaté, de modo a contribuir para a excelência em nossa formação profissional, a qual é a razão de ser do próprio DABM.

Foto: Julia Resende Moreira

A programação teve início com Dr. Fernando Neisser, dourando pela Faculdade de Direito do Largo São Francisco (USP) e fundador da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (ABRADEP), o qual abordou a educação inserida no espectro da democracia, em que tal direito constitucional é legitimamente negligenciado pelas políticas de educação. Em seguida, o Prof. Marcelus Mello, historiador e filósofo, abordou uma perspectiva histórico-social de como o atual sistema educacional excludente se estruturou no Brasil. Recebemos o Dr. Rubens Bedrikow, doutor e professor de Saúde Coletiva na UNICAMP, que alertou como esse processo, já consolidado no ensino médico, pode ser reproduzido no exercício da profissão, afetando sua responsabilidade social. Para

Fotos : DABM

N

o dia 19 de maio, a atual gestão do DABM realizou o XV Fórum de Educação Médico Universitário de Taubaté, consolidando o novo molde de realização do evento inaugurado na última edição. Escolhemos como tema central a Mercantilização da Educação, assunto esse muito pertinente não só ao contexto socioeconômico nacional em geral, mas, especificamente, ao processo de superfaturamento que tem acometido os cursos de Medicina no Brasil, vide os aumentos abusivos e, quase invariavelmente, injustificados, nas mensalidades que ocorreram nos últimos anos. O evento foi realizado em uma manhã de sábado no Auditório do Departamento de Ciências Jurídicas da UNITAU.

O evento contou com a participação de Rubens Bedrikow, mestre e doutor em Saúde Coletiva pela UNICAMP


RESPONSABILIDADE SOCIAL

Estudantes realizam campanha para prevenção de diabetes e hipertensão No período de 14 a 18 de maio, a Praça Dom Epaminondas, no Centro de Taubaté, recebeu a 30ª edição da Semana de Prevenção à Hipertensão e ao Diabetes, promovida pelos alunos do curso de Medicina da Universidade de Taubaté (UNITAU).

Nos cidadãos em que as enfermidades foram detectadas, foi-se aconselhada a busca de uma unidade de saúde a fim de que se estabelecesse um acompanhamento médico rotineiro. Para Carolina Costa Ribeiro, estudante do 4º período de Medicina, mais da metade das pessoas atendidas não praticavam hábitos saudáveis nem buscavam atendimentos

Sediada na praça Dom Epaminondas, região central de Taubaté, a campanha recepcionou os munícipes que buscaram atendimento

A 30ª edição da Semana de Prevenção à Hipertensão e ao Diabetes reuniu alunos dos cursos de Medicina, Nutrição e Educação Física da UNITAU

médicos. “O que conseguimos constatar é que a maioria das pessoas não se cuida, não faz exames com frequência, não está disposta a mudar hábitos de alimentação, tabagismo ou alcoolismo, nem quer se adaptar à rotina de exercícios físicos”, revelou. Este contato com a população configurou uma atividade pedagógica fundamental para a prática da relação médico-paciente, segundo a universitária. “É uma experiência única, pois temos a oportunidade de cuidar do outro, demonstrar conhecimento de uma maneira que o outro possa adquirir maior entendimento sobre a sua saúde, e orientá-lo a procurar um postinho de saúde para fazer exames de rotina”, relatou. A Semana também contou com o apoio de estudantes dos cursos de Nutrição e Educação Física da UNITAU, os quais promoveram atividades de orientação nutricional e teste de força. “Após realizarem triagem com os alunos da Medicina, as pessoas são encaminhadas para avaliação em Nutrição, na qual são checados peso, altura e Índice de Massa Corpórea. Em seguida, elas são encaminhadas para a orientação

nutricional, momento em que é incentivada a prática de alimentação saudável”, explicou Natalia Prado Roncon, nutricionista e coordenadora adjunta da campanha. A Associação Paulista de Medicina - Regional Taubaté recebeu o convite dos organizadores do evento para colaborar com o projeto e prontamente acatou a iniciativa. Universidade de Taubaté, Prefeitura Municipal e empresas privadas também firmaram parceria.

Fotos: Ana Claúdia Bohler

O objetivo da campanha era oferecer gratuitamente à população taubateana atendimentos primários de saúde, como aferição de pressão arterial e medição de glicemia, de modo a diagnosticar hipertensão e/ ou diabetes nos munícipes acolhidos e, principalmente, conscientizá-los sobre a importância de precaver e tratar essas doenças.

Medição de glicemia, aferição de pressão arterial e orientação nutricional foram algumas das atividades realizadas no evento

27


LITERATURA

O doce sabor de uma Mulher deslumbrante

Por: Gabriel García Márquez

Uma mulher formosa não é a mais jovem. Nem a mais frágil, nem aquela que tem a pele mais sedosa ou o cabelo mais chamativo. É aquela que com apenas um sorriso franco e aberto e um bom conselho pode alegrar-te a vida. Uma mulher de valor não é aquela que tem mais títulos ou cargos acadêmicos, E sim aquela que sacrifica seus sonhos temporariamente para fazer felizes os demais. Uma mulher deslumbrante não é aquela mais ardente e sim a que vibra ao fazer amor somente com o homem que ama.

HUMOR

28

Jornalista e escritor

Uma mulher deslumbrante não é aquela que se sente adulada e admirada por sua beleza e elegancia, E sim aquela mulher firme de caráter. Que pode dizer “Não”. E um Homem... Um homem deslumbrante é aquele que valoriza uma mulher assim...

Que tolos temos sido e somos quando valorizamos um presente somente pela vistosidade do pacote. Tolo e mil vezes tolo o homem que come sobras na rua, tendo um deslumbrante manjar em casa!

Que se sente orgulhoso de tê-la como companheira... Que sabe acaricia-la como um músico virtuoso toca seu amado instrumento... Que luta a seu lado compartilhando todas as suas tarefas, desde lavar pratos e preparar a mesa, até devolver as massagens e o carinho que ela te proporcionou antes. A verdade, companheiros homens é que as mulheres com mania de serem “mandonas” não levam vantagens.

Foto: Google Creative Commons

Uma mulher deslumbrante não é aquela que mais homens tem a seus pés. Mas sim aquela que tem apenas um que a faça realmente feliz.


AGORA ATENDEMOS O CONVÊNIO SANTA CASA

29


CLUBE DE BENEFÍCIOS

Gastronomia de qualidade: para a APM tem desconto Para esta edição, demonstraremos como gastronomia e economia fazem parte da Associação Paulista de Medicina. Através de parcerias firmadas com dezenas de empresas do ramo alimentício, a APM buscou ampliar a gama de benefícios oferecidos aos médicos afiliados. Seja comprando um moderno aparelho de multibebidas ou desfrutando de uma saborosa refeição em um restaurante conceituado, os associados podem adquirir, com exclusividade, descontos especiais em produtos e serviços de alcance nacional. Utilizando a internet, é possível incrementar a cozinha de casa, ou do consultório, com eletrodomésticos cujos preços são abaixo do mercado. Visitando a São Paulo, por exemplo, existe a possibilidade de frequentar referências da alta gastronomia. Existem centenas de oportunidades. Escolha a sua!

DOCES E CAFÉS

RESTAURANTES E BEBIDAS

HAVANNA Ao visitar a loja online, realize as suas compras e garanta 15% de desconto. Localização: Nacional (Compras online)

MIMO RESTAURANTE Vai à capital? Prestigie a gastronomia paulistana e saboreie pratos refinados da cozinha contemporânea, garantindo 10% de desconto em todas as refeições oferecidas (incluindo bebida e sobremesa). Localização: São Paulo

NESPRESSO Escolha a sua nova máquina de café e receba 20% de desconto no ato da compra. Localização: (Compras online) TRÊS CORAÇÕES Conheça uma variedade de máquinas multibebidas à base de cápsulas, e adquira a sua opção favorita com 20% de desconto. Localização: (Compras online)

RUBAIYAT Tradicional e sofisticado em São Paulo, o Grupo Rubaiyat tem parceria firmada com a APM. Médicos associados que visitarem as unidades A Figueira Rubaiyat, Rubaiyat Alameda Santos e Rubaiyat Faria Lima, têm 10%de desconto nas refeições Localização: São Paulo

A Figueira Rubaiyat é um dos restaurantes mais charmosos e badalados de São Paulo, famoso pelo salão principal disposto sob os galhos de uma centenária “Figueira de bengala”. O cardápio inclui pratos feitos no forno de barro e na panela de ferro, com destaque para as carnes e os frutos do mar. A unidade se encontra na Rua Haddock Lobo, 1738, no Jardim Paulista

Foto: TripAdvisor

Entre em contato e conheça as outras promoções

www.apm.org.br/clubedebeneficios clubedebeneficios@apm.org.br (11) 3188.4329/4370/4579 Foto: Innasky

30

Clube de Benefícios Vantagens sem limites!


Auditório

Fotos: Interativa Mix

Sala de reuniões

rmet

o gou Espaç

Espaço gourmet

Auditóri

o

Sala de reuniões

31


Aniversariantes A APM Taubaté saúda a todos os amigos e associados pelas comemorações de aniversário

ANIVERSARIANTES JULHO 01 LUIZ ANTONIO MARADEI FREIXEDAS 02 AURELIA CRISTINA CAMPOS PAIVA 03 JULIANA ROBERTA FARIA RAMOS JULIANA SIERRA MELIN ABURJELI MARCIA MARIA ESTEVES M. NUNES MURILO CESAR VARELLA 04 ADRIANA FRANCA MORENO CARVALHO 05 LAMARTINE CUNHA FERRAZ MARIANA BARGUIL D. VILLELA SANTOS 07 CARLA REGINA DE ALMEIDA MARCITELLI 08 JOSE ARTHUR LESSA MARIA SYLVIA BORTOLETO 09 BIANCA REZENDE LUCAREVSCHI JOSE ESTEFANO DE OLIVEIRA 10 THYAGO FURTADO DE FREITAS 11 TEREZINHA DE JESUS COUTINHO 12 AYL GODINHO FILHO OLNEY FONTES RENATO LUCIO MACHADO 13 LAIS HELENA B RIBEIRO SOUBHIA MARCELO GRANDINI SILAS 14 DIRCEU PONTES MELLO MILENA ROSSI FERREIRA LACERDA 15 DANIELA DIAS PAIVA PORTO LEMES FELIPE CAUDURO SALGADO SUELY DE OLIVEIRA SALAN 16 ADRIANE HERCULANO DAMASIO JOAO EDUARDO DE CASTRO NOGUEIRA 18 RODRIGO ANDRAUS DA SILVA 19 DENILA VANESSA AIELLO DA SILVA 21 JAMILE MARIA DE AGUIAR VARGAS THAIS IWAMOTO COLACIOPPO 22 CARLA PEROZINI ROSSI DO CARMO 23 ELIANE CRISTINA VASCONCELLOS TELMA REGINA MARIOTTO ZAKKA 24 ERICA BUDAY DE OLIVEIRA MARNET 25 JOSIANE AGUIAR ANDRADE BARONE 26 ANTONIO JAVIER SALAN MARCOS LEANDRO CALIL CANFUR 27 LUIZ FERNANDO R GONCALVES 28 JOEL FERNANDEZ DE OLIVEIRA JULIANA FEIJO SANTOS RODRIGO DONALISIO DA SILVA

34

29 HAMILTON ALVES BONNO LILIAN ROSA DAHER MACRI MARIANA ABRAHAM GOFFI MARTA DARAKJIAN T. A. SIMOES 30 GREGORIO LORENZO ACACIO TARSILA MARA F. MURAKAMI PINTO 31 CHRISTINE ASSI FREIRE MARTINS GUILHERME DE FARIA PINHEIRO JORGE MIGUEL KATHER NETO MAURICIO CESAR DE M. BARROS TANIA AP. RODRIGUES FERNANDES

ANIVERSARIANTES AGOSTO 01 BERENICE DI ANGELIS COELHO ELLEN BINOTTO DE CASTRO 02 CAMILA RENATA M. MIRANDA NELSON PANNO VALISE 03 BRUNA FARABULINI GODOY GIULIANA MAHFUZ CORREA 04 HUGO DI DOMENICO 05 CAROLINA MARDEGAN NATASSIA CEMBRANELLI AIELLO 07 MARCOS FRANCISCO DIAS MARTINS SERGIO TAKASHI HIGUCHI 08 DIMITRI MONTEIRO DE P. GUIRADO LUIZ ANTUNES REIGOTA 09 CLAUDIO RUGGERI 10 DIANA FERRAZ JUNQUEIRA LEANDRO CAMILLE S. GAVINIER 12 DENIS MARIOTTO SANTANA 13 MICHELE DE FATIMA A. O. DE SOUZA 15 JANE CRISTINA EBRAM ADLER LILIANA POZZI 16 ELISANGELA M. ANDRAUS DE LIMA 17 MARIA SOCORRO ALENCAR 18 AUREA REGINA RODRIGUES 19 ANETE NATALINA C. C. DE OLIVEIRA KEILA CRISTINA M. S. MACEDO 20 BRINER CASTELLI AZEVEDO 21 BRUNO ARANTES MONTEIRO SERGIO LUIZ MOREIRA DA SILVA 23 RAPHAEL AUGUSTO L. H. BRAGA RICARDO NORBERTO TINEO 24 RAFAEL NOGUEIRA FIGUEIREDO SILVIO ROBERTO RECHDAN 26 DARICK MORAES SALIM ALI GABRIELA DA SILVA MORAIS 27 TIAGO ARRUDA MAXIMO 29 RAFAEL DE MOURA CAMPOS 30 RICARDO DE BARROS RIBEIRO WELLINGTON MANFIO CORREA 31 MARCO ANTONIO LUCIANO RAFAEL SPADA REBECHI

ANIVERSARIANTES SETEMBRO 01 RAFAEL LUIZ DA SILVA 02 ANDREY JORGE DE ANDRADE 03 CESAR AUGUSTO CARDOSO PEDRO NOGAROTTO CEMBRANELI SYLVIA REGINA TEMER CURSINO 04 FERNANDO HENRIQUE G V SANTOS 05 MARIANA RUBEZ JEHA 06 JOAO BATISTA MONTEIRO NETTO 07 BEATRIZ CORREA SAMPAIO LEGER MARCELLA MOREIRA BOAVENTURA 08 CRISTIANO DUARTE ROSA WILSON HIROYUKI WATANABE 10 ANDRE LUIZ PINTO PAULO AFONSO M. KANDA 12 CAIO LUCIO SOUBHIA NUNES ITALO VALENTONI NETO PAULO ARANTES DE MOURA RAFAEL MARTUSCELLI BEGER 13 FAUSTO SOARES FERREIRA HENRIQUE MERCALDO NETTO 14 CLARISSA HESSEL ESCUDEIRO MARCELA DE SOUZA P. VARELLA MARCIA RENATA V. M. DE ASSIS MILENA CRISTINA DA S. ALMEIDA ORLANDINO DE FREITAS FILHO PEDRO HENRIQUE DE L. LEITE WALDNEY JOSE DE BARROS 17 GIOVANA LARISSA P. LEITE AGOSTINHO HENRIQUE VILELA DE OLIVEIRA 18 FERNANDO LUIZ TEIXEIRA GUSTAVO HENRIQUE DA M. FARIA TERUMI UEMURA 20 ANTONIO MAURY LANCIA ENDRIGO RODRIGUES PISSININ 22 MARIA JUDITH P M DE BARROS 23 MILTON GAUCH RINALDO RONCONI NETO 24 DANILO DE MATTOS SPINELLI FATIMA DOS R. A. MACIEL 25 ANA CELIA SMITH NEVES FABIOLA VASCONCELOS ALVES 26 GREGORIO DA CRUZ RIEMMA 27 FABIO NUNES DE OLIVEIRA PEDRO MACHADO P. E SILVA 28 ANA PAULA DE CARVALHO PEREIRA LAIS DE ARAUJO GIAJ LEVRA 30 ANA CLAUDIA GONCALVES CONTREIRA ANTONIO IRAPUAM R. TUPINAMBA


35


16ª Edição - Revista Médicos do Vale  
16ª Edição - Revista Médicos do Vale  
Advertisement