Issuu on Google+

Revista Usina da cultura - ANO 2 - número 14 - Junho 2014 - Distribuição Gratuita

Distribuição gratuita

De onde veio a Copa? AS RENDEIRAS DO CEARÁ Arte, tradição e criatividade P.10

IMPRESSORA 3D

Que usos pode ter e em que campos? P.14

AUTISMO Como identificar e lidar com essa situação. P.20

ROMEU E JULIETA SHAKESPEARE A história de um amor proibido. P.30

P.04

A DESCOBERTA DA PENICILINA Uma sequência de acontecimentos surpreendentes. P.34


Dr. Marcio Carlos Brambila CIRURGIÃO DENTISTA - CRO:10030

São Francisco de Paula: Av. Júlio de Castilhos, 235 sala 05. T.: (54) 3244 - 2522 Novo Hamburgo: Rua Tupi, 1303/606 - Ed. dos Viajantes esq. 1º de Março. T.: (51) 3593-5231

www.ortocard.com.br - ortocard@ortocard.com.br

Usina design

Arte + impressão

IMPRIMA SEUS FOLHETOS

NA USINA!


Sumário

História da Copa do Mundo de Futebol Conheça a origem da competição que, de quatro em quatro anos, reúne seleções de futebol de diversos países e agita torcedores do mundo todo.

P.04

Autismo Muitas são as dúvidas a cerca deste assunto. Conheça as causas, sintomas e tratamento deste transtorno que atinge quase 2 milhões de brasileiros.

P.20

As rendeiras do Ceará

Impressora 3D

As rendas do Ceará são de uma qualidade artística excepcional, resultado da dedicação e habilidade de suas rendeiras, verdadeiras artistas.

Dispositivo capaz de gerar um objeto sólido tridimensional por meio de adição de material. Mas, como funciona? Que usos pode ter e em que campos?

Romeu e Julieta William Shakespeare

A descoberta da penicilina

P.10

Obra imortal da literatura, conta a história de um amor proibido entre dois jovens apaixonados. Relembre alguns fatos desta bela e trágica história de amor.

P.30

P.14

Saiba como uma sequência de acontecimentos imprevistos e surpreendentes permitiram com que o bacteriologista Alexander Fleming descobrisse este antibiótico natural.

P.34

1


Equipe: Cecilia Sanchez Alex D’ El Rei Mercedes Sanchez Clarines Thewes

Seções Pé na estrada De passeio pela serra Pelo mundo

Viajando por aí

Vida ativa

Esportes

6 8 12

Informática e produtividade Dicas

16

Curiosidades

18

Sabia que?

Rincão poético Poesias de leitores

19

Viver bem

Saúde

22

Profissão

Conhecendo profissões

24

Click!

Concurso fotográfico

25

A crônica da vez Textos de leitores 28 Visual com arte Espaço para leitores artistas 29 Eco motor

Automóveis e dicas

32

Veja bem

Educação e história

36

Conta Conto

Contos e curiosidades

40

Sal a gosto

Receitas 42

Lá na Espanha De Barcelona com Elena C.

44

Mundo criança Passatempos infantis

46

Conhecendo os museus do mundo

48

Cantinho dos pais Dicas para pais Play Filmes, games, livros e música

49 50

Falando Francamente Coluna Franco

52

Agradecimentos: Elena Cárdenas Franco Souza Isabela Sanchez Arthur da Silva Reis Cristiane Buth Rosana Martins Aline Pires Gustavo Malagigi Wilson Barbosa Tássia Mattos Jane Maria Bertuol Diego Stédile Malaquias Rosana Martins Valda da Silva Soprano Rodrigo Fabro E a todas as pessoas e comércios que apostam na ideia e fazem possível a realização deste projeto Para participar na revista ou enviar sugestões e críticas, escreva para info@usinadacultura.com Assinaturas/suscripciones assine@usinadacultura.com

CAPA Brasil: País de muitas raças. Solo fértil para a difusão e popularização do futebol em todo o mundo. Berço dos melhores jogadores, que souberam expressar a arte de jogar.

2

Usina da cultura - Junho 2014

Telefone: (54)3244-1355

www.usinadacultura.com


Editorial

E

ste mês a Usina é verde e amarela. Lembro de quando era criança, dias antes do início da copa, o bairro onde eu vivia ia ficando aos poucos com as cores da bandeira brasileira... enfeites pendurados, postes pintados, as pessoas entregavam seu melhor artista para participar neste desfile de sorrisos e cores. Este ano, nós brasileiros, somos os anfitriões. Temos a portunidade de viver experiências novas, conhecer gente de todos cantos do mundo, de mostrar a amabilidade e alegria pela qual o povo brasileiro é caracterizado mais além das nossas fronteiras. Dê seu melhor!! Faça valer a pena! Para comemorar este acontecimento, contamos um pouco a história da copa do mundo, como ela começou, e suas dificuldades iniciais. Também preparamos uma tabelinha pra você ir marcando os resultados, você a encontra na página 23! Celebrando também o mês dos namorados, contamos a história mais romântica de todos os tempos, Romeu e Julieta. As rendas do Ceará também estão presentes nesta edição, bem como Alexander Fleming e sua incrível descoberta da penicilina, que revolucionou a medicina e a indústria farmacêutica. A impressora 3D também é um dos nossos destaques, essa tecnologia tão revolucionária que permite fazer realidade qualquer forma ou objeto que possamos imaginar. Autismo, Patinação no gelo, whatsapp, álbum virtual de figurinhas, curiosidades, poesias, dicas de saúde, artes visuais, história do RS, contos, museus, receitas, dicas para os pais, sugestões de livros, filmes... ééé, acho melhor começar a ler logo, tem muito assunto interessante esperando por você! Esperamos que curtam mais essa edição. E lembre-se: dê o seu melhor!! Um forte abraço, Cecilia Sanchez Editora revista Usina da cultura

3


De onde veio a Copa? Conheça um pouco da história deste evento, que a cada 4 anos mobiliza pessoas do mundo inteiro.

O

s Jogos Olímpicos de 1932, em Los Angeles, não planejavam incluir o futebol como parte do programa devido a baixa popularidade desse esporte nos Estados Unidos. A FIFA e o Comitê Olímpico Internacional também discordavam da condição de amadores dos atletas.  Desta forma, a FIFA decidiu realizar sua própria competição mundial de futebol, a Copa do Mundo, que teve sua primeira edição no Uruguai, em 1930.  As equipes que participariam da primeira Copa do Mundo foram convidadas pela FIFA para mandar suas seleções, porém a viagem longa e cara ao Uruguai intimidou os Europeus.  O presidente da FIFA, Jules Rimet, acabou persuadindo as seleções da Bélgica, França, Romênia e Iugoslávia a fazerem a viagem.  No total, 13 seleções participaram da primeira Copa do Mundo da história - 7 da América do Sul, 4 da Europa e 2 da América do Norte. Primeiras competições internacionais antes das Copas do Mundo A primeira partida internacional de futebol aconteceu em 1872 entre Inglaterra e Escócia. Nessa época o futebol era raramente

4

Usina da cultura - Junho 2014

jogado fora da Grã Bretanha. A expansão do futebol internacionalmente acabou resultando na formação da FIFA, em 1904, reunindo 7 nações da Europa continental.  À medida que o futebol ganhava popularidade, foram organizadas demonstrações do esporte (sem medalhas) nas Olimpíadas de 1900 e 1904. O futebol tornou-se uma competição oficial na Olimpíada de 1908, com o torneio sendo organizado pelos ingleses, os quais foram os campeões, repetindo a conquista em 1912. Com a Olimpíada sendo disputada somente por amadores, competições internacionais envolvendo times profissionais começaram a aparecer. O Torneo Internazionale Stampa Sportiva, disputado em 1908 na cidade italiana de Torino, foi um dos primeiros desse torneios. Essa competição envolvia times, não seleções, que representavam toda uma nação.  No ano de 1914 a FIFA reconheceu o futebol na Olimpíada como “campeonato mundial de futebol para amadores”, e passou a se responsabilizar por organizar a competição. Assim, aconteceu a primeira disputa intercontinental de futebol na Olimpíada de 1920, vencida pela Bélgica.


Tabela de jogos na página 23!

Quer saber mais sobre a história da Copa do Mundo? Acesse o Blog da Usina e divirta-se com o material que preparamos para você, vídeos de todas as edições da copa e informações super interessantes!!

www.usinadacultura.com

Em 1924 e 1928 o Uruguai foi o campeão. Depois disso, o futebol sairia da Olimpíada com a realização da Copa do Mundo de 1930, no Uruguai, com atletas profissionais. Fonte: http://www.copacabanarunners.net/copado-mundo.html

5


Pé na estrada

Conhecendo a Serra Gaúcha Terra do Sempre Localização: Vale do Rio Rolantinho D’Areia, a 4,5km da avenida central de S. Fco. de Paula O Ecopark Cachoeiras no Quintal e Pousada Terra do Sempre é uma Reserva de Patrimônio Natural exclusiva, com percurso de 30 min em trilhas ecotécnicas, para seis atracões, entre elas: o Balneário Salto dos Maias, a Cachoeira do Esse; sua Cabeceira; a Cachoeira do Jacu, a do Xis e, logo mais, o Rio Rolantinho D’Areia, capazes de arrebatar refrescância em banhos de submersão, em um contexto cênico inigualável. A Terra do Sempre é um Biota do Bioma de Mata Atlântica, Floresta Ombrofila Mista e Densa Montana, Floresta Tropical, Subtropical, Meridional e Setentrional, única no mundo, e que abriga a maior concentração de quedas d’água da América Latina. Local de turismo ecológico contemplativo, consciente do abrigo à fauna e flora raras e, para sempre preservadas ali, em um entrosamento entre a rusticidade e a força a que pertence. Um lugar alocêntrico, que propõe expedições ecoturísticas, praticamente no centro de São Fco Paula, compartilha dois dos seus três roteiros. Viver a selva, ou acordar nela, ouvindo a natureza é feliz descoberta já ao chegar. Desliga e se entrega a uma essência energética de reposição e relaxamento, que mantém-se por muito tempo. Venha conhecer! Aberto o ano todo. Texto: Cristiane Buth Contato: reservas@terradosempre.com.br / www.terradosempre.com.br

6

Usina da cultura - Junho 2014


Veja mais fotos no blog da Usina! www.usinadacultura.com

www.hteixeira.com.br hteixeira@hteixeira.com.br

Rua Três de Outubro, nº 46. SFP.

Tel: (54) 3244-2900 Nova direção!

Com novidades esperando por você! Av. Júlio de Castilhos, 369 Centro - São Chico T. 3244-1862

MÁ IMO Malhas Espaço livre

Desde 1986

Av. Júlio de Castilhos, 934 • Centro

São Francisco de Paula • RS • Tel (54) 3244-1987

7


Conte-nos sobre algum lugar que visitou! Envie para info@usinadacultura.com

un d

o

Mais info www.usinadacultura.com

M o l e P

Um mistério chamado Monte Roraima

O

8

Monte Roraima fica na tríplice fronteira entre Brasil, Venezuela e Guiana, um lugarzinho mágico, responsável por inspirar Arthur Conan Doyle e me inspirar também. É incrível, exótico e muito desafiador. É uma espécie de elo perdido, uma amostra de como foi o começo na Terra. Parece que ali o tempo nunca vai passar. É um dos lugares mais antigos do planeta. Haja pernas, fôlego e espírito para essa aventura que dura aproximadamente uma semana, na qual se caminha em trilhas escorregadias, travessia de rios, e até debaixo de uma cachoeira!!! Anda-se sem parar, às vezes com frio e chuva, outras sob calor intenso. Dorme-se em sacos de dormir, e come-se somente o suficiente para dar energia. Além, claro, de carregar consigo o peso de uma mochila nas costas durante todo o sobe e desce. A caminhada começa na aldeia indígena chamada Paraitepuy. No primeiro dia atingimos o Rio Tek. Na manhã seguinte subimos até a base da montanha, 1.800m de altitude. No terceiro dia o esforço é dobrado. Subimos muito até alcançar o topo a 2700m e procurar uma caverna, os chamados “hotéis”, para acampar. A descida é bem mais complicada que a subida, o esforço que os joelhos fazem pra segurar o peso do corpo e da mochila é intenso e é onde as dores surgem. Usina da cultura - Junho 2014

Todo o esforço é recompensado por uma vista fascinante durante o trajeto e mais ainda quando atingimos o topo, onde encontramos formas de vida únicas, que nunca veríamos em outro lugar. O sapinho minúsculo, as jacuzzis naturais, a janela que dá a vista mais bonita do abismo. Estar acima das nuvens, literalmente... São coisas que pagam todo o esforço despendido no trekking. Quem decide conhecer o Monte experimentará um processo de autoconhecimento único. É importante conhecer bem as pessoas que farão companhia, pelas dificuldades enfrentadas, o pior e o melhor do ser humano são postos a prova o tempo todo. Eu fui privilegiada, viajei com duas amigas que sintonizam comigo como poucos e não escolheria parceria diferente para essa aventura. A mistura de isolamento da sociedade e contemplação da natureza, os pequenos prazeres de saciar necessidades como a sede e fome, a aproximação das pessoas e do como fazem com que sintamos sensações ímpares. Texto e fotos: Aline Pires.


Abaixo: As barracas no acamapamento do Rio Tek.

(54) 54 3244 1270 / 9181 9577 www.pousadadoengenho.com.br

R. Odon Cavalcanti, 330 - B. S達o Bernardo S達o Francisco de Paula - RS

RS-020 km 87, Vila Colinas. S.F.P.

(54) 3244-1095 - (51) 9364-7677

CRECI 23334-J

Esquerda: Vis達o do topo do Monte Roraima. Acima: As jacuzzi naturais no topo do Monte Roraima

www.portobueno.com.br 9


As rendeiras do Ceará Arte e criatividade

A

originalidade e criatividade do povo do Ceará fazem com que as artes e a cultura cearense sejam conhecidos e admirados em todo o Brasil e no Exterior. A imagem do Ceará está sempre ligada à figura da mulher rendeira. A renda, também conhecida como renda-de-bilro ou renda da terra, é uma atividade exercida por mulheres nas comunidades interioranas e sua produção está distribuída principalmente na faixa litorânea.

O Artesanato Cearense: O indígena, que o

colonizador encontrou, já era artesão do tecido e da cerâmica sedimentar. Com a casca da aroeira tingia de vermelho os fios de algodão e as fibras de outros vegetais, e do azul que extraia de outras plantas do mato. Produzia sandálias de corda de caroá (ou croatá). Os Jesuítas, ao chegarem para proceder a evangelização, ante a habilidade manual e pendor artístico mostrado pelos nativos, sistematizaram o artesanato existente, somando-o ao da gente portuguesa, ensinando-lhes as técnicas de pintura, escultura, douração, relojoaria, ourivesaria, carpintaria, marcenaria, tecelagem, fundição, etc. Com a expulsão dos Jesuítas por Pombal, os índios e a descendência mameluca já haviam incorporado a sua cultura a vocação artesanal transmitida as gerações que iam chegando. Essa produção artesanal, apesar da introdução do maquinário moderno e a tecnologia em curso, permanece viva, elaborando peças que continuam sendo disputadas pelos visitantes.

As Rendeiras: Foi em 1748 que a Europa recebeu as primeiras rendas do Ceará, logo tidas como de excepcional qualidade artística. Há dois séculos, portanto, que foi detectado o “natural engenho” de nossas rendeiras, verdadeiras artistas.

A renda é um tecido transparente de malha aberta, fina e delicada, que forma desenhos variados com entrelaçamentos de fios de linho, seda, algodão ou até mesmo de ouro. É por vezes aplicada como guarnição de vestidos, alfaias e adornos. Na sua maioria, as rendas compõem-se de dois elementos: O desenho ou motivo; O fundo, que mantém o desenho unido. São dois os principais tipos de renda: a renda de bilros e a renda de agulha. Entre outros tipos, incluem-se o crochê (executado com uma agulha) e o frivolité, preparado com naveta, uma espécie de lançadeira, que forma nós com as linhas.

Renda de bilros

Associa-se a renda de bilros aos flamengos da Bélgica e dos Países Baixos, embora seja também executada na Itália, na França, na Inglaterra, em Portugal e no Nordeste do Brasil, onde é conhecida como renda do norte, renda do Ceará ou renda da terra. Para fazer o desenho, são utilizadas almofadas. O rendeiro fixa pequenas cavilhas ao longo das linhas do desenho e trabalha com muitos bilros (pequenos fusos de madeira furados), por onde passam os fios. A renda e as cavilhas são retiradas da almofada quando prontas.

Renda de agulha

O fundo, para a renda de agulha, pode ser de tela aberta ou de filetes ligados. Os rendeiros desenham o motivo em papel-pergaminho e fixam-no num fundo de linho encorpado. A renda é executada preenchendo o desenho com pontos caseados. O desenho pode ser preparado separadamente e o fundo acrescentado depois. Fonte: http://www.ceara.com.br/cepg/artesanato.htm

10

Usina da cultura - Junho 2014


Renda de bilros

Renda de agulha

Rendeiras do Nordeste. Desenho de Percy Lau (IBGE)

11


Vida ativa

Patinação no Gelo A

patinação no gelo é um bom divertimento, mas também é um esporte de competição. Os patinadores utilizam patins – sapatos ou botas com uma lâmina de metal afixada no solado. Pode ser praticada ao ar livre, sobre um pequeno lago congelado ou em pistas cobertas, também chamadas ringues. Nas competições, há duas modalidades, a artística e a de velocidade. Os patinadores que fazem patinação artística também costumam fazer apresentações no mundo todo. O hóquei no gelo é um esporte de equipe que também requer o domínio dos patins no gelo.

Há três tipos básicos de patins para gelo: • Os usados na patinação artística são os melhores para patinar por lazer: o cano da bota chega acima do tornozelo e a lâmina é quase do comprimento da bota. Os patins têm um serrilhado na ponta do pé, na frente da lâmina, que serve para manter o equilíbrio quando o patinador faz os saltos. • Os patins de velocidade são projetados para corridas e têm uma lâmina longa presa à bota de cano curto. • Os patins de hóquei têm lâminas curtas e curvas nas extremidades.

Patinação artística

Tornou-se esporte olímpico em 1908. Os patinadores executam sequências de saltos, piruetas e dança, acompanhadas de música, e são avaliados conforme seu desempenho nas sequências e suas qualidades artísticas. Fazem apresentações individuais ou em duplas: um homem e uma mulher. A dança também pode ser executada em apresentação solo ou em duplas e tornou-se modalidade à parte em 1976. A dança no gelo é semelhante à dança de salão.

Patinação de velocidade

A patinação de velocidade e a de velocidade em pista curta são modalidades de corrida. Os patinadores de velocidade correm em pares ao redor

12

Usina da cultura - Junho 2014


de uma pista. Depois que todos os participantes passaram, o que conseguiu o melhor tempo é o vencedor. Os de pista curta competem entre si: vários participantes correm por uma pista curta em direção à linha de chegada. A patinação de velocidade em pista curta conta com provas disputadas por times de quatro atletas, que se revezam ao longo da pista.

No dá vontade de estudar !

História

A patinação no gelo teve início no norte da Europa, possivelmente em 1000 a.C. Os primeiros patins eram feitos de ossos de animais. Tornou-se muito popular nos Países Baixos, onde há muitos cursos de água artificiais, chamados canais. No inverno, os patinadores usavam os canais para se deslocar de um lugar a outro. Patinar em lagos congelados era muito comum na Inglaterra do século XVII, e foram os ingleses que introduziram a patinação na América do Norte. A primeira pista coberta foi inaugurada em Londres, na Inglaterra, em 1876, e era feita de gelo artificial. As pistas de gelo cobertas podem ser usadas mesmo no verão e também servem para a apresentação de grandes astros da patinação. No Brasil, a Confederação Brasileira de Desportos no Gelo (CBDG) promove um campeonato brasileiro da modalidade, além de outros eventos relativos a vários esportes sobre o gelo. Fonte: http://escola.britannica.com.br/article/481547/ patinacao-no-gelo

Bistrô Café Vegetariano & Empório de grãos e produtos naturais e orgânicos Lanches • Sucos • Almoços Cafés • Produtos especiais sem lactose,diet, e sem gluten Café moído na hora, para levar. Av. Júlio de Castilhos, 811 (Prédio Casa de Chá) Livraria Miragem - (54) 3244.1418 - SFP - RS

+ de 2500 cores feitas na hora! construfacilcc@gmail.com

(54) 3244-2083

Rua Benjamin Constant, 361 - Centro - SFP

13


Impressora 3D Veja como funcionam estas impressoras e o que são capazes de fazer

A

impressora 3D é um dispositivo capaz de gerar um objeto sólido tridimensional por meio de adição de material, diferenciando-se dos métodos tradicionais de produção, onde se pratica a remoção do excesso de material. Estas impressoras são baseadas em modelos 3D para definir o que imprimir. Um modelo nada mais é do que a representação digital do que imprimir, usando um software de modelagem. Para dar um exemplo disso, com uma impressora 3D se poderia gerar uma colher ou qualquer outro objeto que você possa imaginar, usando apenas a quantidade estritamente necessária de material, e para isso devemos ter a representação do objeto em um modelo de formato 3D reconhecível para a impressora. Os materiais que atualmente podem ser usados para “imprimir” são variados, e certamente influenciam no custo da impressora. Qualquer impressora de baixo custo geralmente funciona com termoplásticos como ABS ou PLA. Mas estamos ante impressoras capazes de trabalhar com metal, ou resina de fotopolímero líquido, embora sejam utilizados somente em ambientes industriais.

impressão de objetos e até mesmo estruturas, aeroespacial, educação e, claro, também o uso no lar e profissional, o qual abre múltiplas opções que se apresentam como o futuro da tecnologia. Afim de conhecer mais detalhes desta frenética evolução tecnológica, você pode visitar o blog www.3dimpresoras3d.com. A impressora 3D é mágica. É como se pudéssemos finalmente criar objetos do “nada”. A partir dos mais simples, como uma xícara de café, para algo muito mais complicado e surpreendente, como partes de um avião, entre outros. Está previsto que neste ano a NASA enviará uma dessas impressoras para a Estação Espacial Internacional, para que os astronautas possam fabricar peças que julgarem necessárias no espaço. Se ainda não ficou claro como funcionam as impressoras 3D você pode acessar um vídeo simples no blog da Usina, que explica a facilidade com que a impressora 3D imprime a xícara de café, mencionada neste artigo.

Que usos pode ter uma impressora 3D e em que campos? A lista é longa e difícil de descrever: vai desde peças de equipamentos médicos, até mesmo para implantes, passando por aplicações na arquitetura, onde pode ser pensada a

14

Usina da cultura - Junho 2014

Fontes: http://www.3dimpresoras3d.com/que-es-una-impresora-3d/ http://www.areatecnologia.com/informatica/impresoras-3d.html


Acima: Demonstração de 3d virtual, impressora e prototipo já impresso. À esquerda: O engenheiro Frederico Sena com seu rosto impresso em gesso Foto: Marcus Steinmeyer

Osteoid , desenvolvido por Deniz Karasahin , é um substituto do gesso tradicional, impresso em 3D. Possui um sistema de ultrasom de baixa intensidade que faz com que o processo de cura seja até 40% mais rápido com apenas 20 minutos de operação diária.

15


Tecno Sapiens

ou até mesmo enviar uma mensagem de voz por gravação instantânea. Tudo isso para você ter a possibilidade de marcar, conversar, avisar e compartilhar momentos com os conhecidos, parentes, colegas e amigos.

Whatsapp Tecnologia a seu favor

A

comunicação do mundo moderno facilitou a vida de muitas pessoas. Hoje venho apresentar, aos que ainda não conhecem, e a pedidos, uma ferramenta gratuita e de fácil uso que pode facilitar a sua comunicação diária. O whatsapp é uma ferramenta de troca de mensagens instantâneas, que permite enviar e receber mensagens pelo celular sem pagar por SMS, pois utiliza o mesmo plano de dados de internet que você usa para e-mails, facebook e navegação, ou Wi-Fi. Ou seja, não há custo para estar em contato com seus amigos. É uma das ferramentas de smartphones mais requisitadas do mundo moderno. O aplicativo possibilita também manter várias conversas ao mesmo tempo. Além disso, você pode criar grupos de amigos e compartilhar mensagens com todos, com as opções de enviar fotos e vídeos armazenados no celular,

16

Usina da cultura - Junho 2014

A instalação e o uso, desta ferramenta da comunicação, é bem simples. A “app” agrega e sincroniza os contatos da sua agenda telefônica, assim sua rede de amigos estará sempre completa. Se você adiciona um novo contato, com um número de telefone celular, ele também é adicionado nos seus contatos do Whatsapp. O aplicativo é funcional para qualquer marca de celular, smartphone, e diversas plataformas, como Android, Windows Phone e iOS.

Alex D’ El Rei, informático por natureza e amante das novas tecnologias, filho de bytes e kbytes, números preferidos 0 e 1


Tecnologia

Isabela Sanchez tem 11 anos e adora descobrir novos jogos e aplicações para seu tablet. Veja algumas dicas sobre suas melhores descobertas.

Sticker Album FIFA 2014 É uma aplicação que funciona como um álbum de figurinhas normal, que permite trocar figurinhas com seus amigos e participar de um concurso muito legal, cujo objetivo é completar todo o álbum até o dia 31 de Agosto. Além de ganhar 3 pacotes de figurinhas por dia, você pode desbloquear códigos que te dão pacotes adicionais! Espero que gostem!

Este aplicativo é gratuito e é disponível para: iPad, iPhone, iPod touch e iPhone 5. Abaixo, algumas imagens da aplicação

Blumen Haus

Tel: 3244-2134

R. Cel. Henrique Lopes da Fonseca, nº 78, sala A. Centro - S.F.P.

Tel: (54) 3244-3904 webhousesfp@gmail.com

INTERNET: Digitação em geral, digitalização, e-mails, vídeos, fax...

IMPRESSÕES: Folha A3, colorida, fotos, documentos, trabalhos, entre outros.

Rua Assis Brasil 600 - Centro São Francisco de Paula/ RS

Atendimento: 2ª a 6ª das 9h às 19:30h Sábados de 10h às 16:30

diogodelpiero@gmail.com • (54) 3244-1599/1053

17


Curiosidades

Sabia que... .… os golfinhos tem a melhor memória do mundo animal? Por anos, tem sido relatado que os elefantes têm boa memória, e que nunca esquecem de alguém que conheceram. Mas a verdade é que este não é um fato comprovado. Depois de investigações realizadas por Jason Bruck, especialista em comportamento animal da Universidade de Chicago, o golfinho supera o elefante, pois lembra de outros golfinhos após 20 anos de separação.

… a arte é boa para sua saúde? De acordo com um estudo realizado entre 50.000 adultos, publicado no Journal of Epidemiology and Community Health (Jornal de Epidemiologia e Saúde Comunitária), participar de uma peça de teatro, um concerto ou uma exposição de fotografia é bom para a saúde física e mental.

Cientistas suecos e húngaros descobriram, através de um estudo, que a pele listrada das zebras  é “pouco atraente”, portanto, afasta as moscas. A Professora Susanne Akesson, da Universidade de Lund (Suécia) explicou: “Nós começamos estudando cavalos pretos, marrons e brancos, e descobrimos que os de pele escura recebiam luz polarizada horizontalmente, um efeito muito atrativo para as moscas.” 18

Usina da cultura - Junho 2014

Leia mais curiosidades no blog da Usina! -----> usinadacultura.com

… as listras das zebras assustam as moscas?


Rincão poético O que se passa na cabeça de um gato?

Pernas Entrecruzadas

O que se passa na cabeça de um gato É o que buscam os humanos, sem saber Pois um gato, ali, suspenso, sensato Calmo, em sossego, insiste em ser

Ver tua boca devorando Meu olhar até rasgar No suplício de te ver Sem poder te tocar

Quem nunca viu gato olhar a parede Em letargia, em torpor, em direção ao nada De forma sucinta expressando uma sede Em vir, para o Cosmo, porta e escada?

Tuas pernas entrecruzadas Os joelhos a dispersar Tuas curvas sinuosas Na minha boca o suspirar

Trás um gato, em si, noturna divindade Não de livros, sacerdotes, e pura malvadeza Sai um gato, astuto, à noite em liberdade

Teus pensamentos que vagueiam Nas encostas a escalar Tuas curvas me despertam Absorver e relembrar

Sendo esse invejado por toda a Natureza E os homens, que se afogam na lama da vaidade Clamam enciumados felinas paz e destreza Gustavo Malagigi

Tuas unhas que deslizam Na minha pele o riscar Territórios demarcados Minha vida a represar Wilson Barbosa

Atenção poetas! Este é seu espaço!

Estamos ansiosos por receber seus poemas e poesias para serem publicados nesta seção. Participe! Envie e-mail para

info@usinadacultura.com para mais informação

www.usinadacultura.com PARA LER TODASAS POESIAS ACESSE O BLOG! ----> 19


Autismo - Causas, sintomas e tratamento O QUE É AUTISMO? É um transtorno neurobiológico que traz comprometimentos em três áreas do desenvolvimento: comunicação, comportamento, interação social. Não tem uma característica única, cada pessoa com autismo é diferente. Não tem causa definida. O autismo é uma síndrome que atinge quase 2 milhões de brasileiros, 120 mil famílias são afetadas no Rio Grande do Sul. A ONU estima que existam mais de 70 milhões de pessoas com autismo em todo o mundo. COMO SE MANIFESTA? Os sinais estão presentes na primeira infância (antes dos três anos de idade), e variam de indivíduo para indivíduo. ALGUNS SINAIS APRESENTADOS POR UMA CRIANÇA AUTISTA: • Tem dificuldade em compartilhar; • Pode agir como se fosse surda; • Pode apresentar atraso ou ausência da fala; • Não se mistura com outras crianças; • Dificuldade em iniciar ou manter diálogo; • Pode ter manias estranhas como, por exem plo, girar objetos, apagar e acender luz; • Pode apresentar maneirismos motores tais

20

Usina da cultura - Junho 2014

como agitar as mãos ou andar nas pontas dos pés; • Pode brincar de forma estranha com brinquedos, enfileirando-os ou se fixando em apenas uma parte do brinquedo; • Resiste à mudança de rotina; • Usa as pessoas como ferramentas; • Não mantêm contato visual; • Às vezes é agressivo; • Não demonstra medo do perigo. O TRATAMENTO: O tratamento do Autismo precisa ser multidisciplinar e especializado, ou seja, quem atende estes indivíduos precisa conhecer as específicas necessidades da pessoa com Autismo. Alguns podem beneficiar-se com o uso de medicamentos, especialmente quando existem co-morbidades associadas. O Autismo não tem cura, mas as pessoas com o transtorno podem ter vidas produtivas e significativas. SAIBA MAIS SOBRE AUTISMO Há muitos mitos a cerca deste assunto, mas na verdade cada pessoa com autismo é única, pois este transtorno se apresenta nos mais


O Autismo não tem cura, mas as pessoas com o transtorno podem ter vidas produtivas e significativas.”

variados graus e diferentes combinações de sintomas. Esse perfil irregular, além de dificultar o diagnóstico, reflete a complexidade do Espectro do Autismo, que engloba o Autismo Clássico, Síndrome de Asperger e Autismo Atípico. Como todo mundo, a criança com autismo precisa de afeto, compreensão, paciência, e claro, de educação.Porém o ensino para pessoas com autismo deve ser adaptado às suas necessidades. JOGOS E O AUTISMO Trabalhando na Brinquedoteca da UFRGS tive oportunidade de elaborar alguns jogos para trabalhar com crianças autistas. Esse se chama ROLETA DAS CORES. Objetivos: Estimular a identificar as cores. Ajudar no desenvolvimento da coordenação motora fina, habilidade e percepção. Material: Prendedores de roupas coloridos e uma roleta de papel colorido. Procedimentos: Ensinar para as crianças as cores da roleta. Depois pedir para a criança colocar o prendedor na cor que o adulto solicitar. Sabemos que o processo é demorado, mas ele vai aprender. Por isso o adulto ou educador deve ter muita paciência.

Texto: Tássia Mattos, Pedagoga/Pós-Graduanda em Neuropsicopedagogia do Transtorno do Espectro Autista. Terapia Pedagógica e Alfabetização de crianças com TEA. Responsável pelos Jogos de Inclusão-Brinquedoteca UFRGS.

21


Viver bem

Diversão e entretenimento na 3ª idade Atividades recreativas para idosos

S

er idoso é um prêmio na vida, mas depende da atitude com que vivemos a Terceira Idade e das possibilidades que oferece a cidade onde se vive. Pessoas idosas não precisam ficar em casa a espera da aposentadoria, afinal, esse é o tempo perfeito para viajar e conhecer o mundo. Nos países europeus é frequente ver as pessoas idosas passeando pelos parques ou pelas ruas do bairro, nas quais sempre há bancos para sentar, aproveitando a paisagem e a conversa com outras pessoas. Isto possibilita a socialização do idoso, tão marginalizado em nossa sociedade atual.

Artesanato

O artesanato pode ser uma forma gratificante e emocionante para os idosos passarem o tempo. Também pode ser útil para as habilidades motoras e para a saúde.

Quebra-cabeças

Uma forma divertida e casual de entretenimento, além de manter as mãos em movimento. Outra opção que pode ser útil para manter o cérebro ativo e a memória saudável são as palavras cruzadas.

Dançar

A terceira idade é frequentemente vista como um tempo de descanso e de relaxamento, mas também é considerada um momento para se divertir. Existem muitas formas de divertimento e de lazer para idosos curtirem seu tempo livre.

Quando envelhecem, as pessoas frequentemente desenvolvem dificuldade para se mover ou praticar atividades que requerem energia. No entanto, quanto mais enérgico e ativo fisicamente um idoso permanecer, melhor para sua saúde. Uma atividade alegre e despreocupada são as aulas de dança como, por exemplo, a dança de salão.

Veja algumas dicas:

Jogos de cartas

Bingo

Jogo clássico para idosos. É uma atividade interativa e social que permite aos idosos se reunir com os amigos. Os principais fatores importantes no bingo incluem sorte, percepção e tempo de reação rápido.

22

Usina da cultura - Junho 2014

Um jogo muito popular é a canastra, também conhecida como tranca. O baralho é uma atividade social benéfica para manter a agilidade mental. Pode-se desfrutar de um jogo de cartas nas casas dos amigos ou no clube local. http://www.ehow.com.br/atividades-recreacao-idosos-info_4720/


Pegar frio provoca resfriado?

O

frio não causa resfriado. Pode, sim, provocar alergias e facilitar infecções, pois geralmente o ar fica mais seco, o que afeta as mucosas do aparelho respiratório, comprometendo a produção de secreções com anticorpos para a defesa do organismo.

E sorvete, causa resfriado?

Oitavas de final

Assim como a chuva, ele é só um bode expiatório. O gelado pode irritar a garganta, mas isso só acontece quando a pessoa já tem alguma infecção. E, se a inflamação for intensa, o sorvete pode diminuir a dor, como nas cirurgias de sisos ou amígdalas.

Quartas de final

Tomar vacina contra a gripe pode provocar a doença?

Semi-final

Eis outra besteira. A vacina contra a gripe é feita de vírus inativados e sua característica é justamente não simular uma doença, como outros tipos de vacina.

Gripe ou resfriado?

Os dois provocam coriza e indisposição, mas a gripe tem sintomas muito mais agressivos, como febre alta, falta de ar, cansaço e dores intensas no corpo. Em alguns casos, pode levar à pneumonia e até à morte. Gripe põe a pessoa na cama para valer. Resfriado é o que a faz ficar deitada só para enrolar. Fonte: http://super.abril.com.br/saude/pegar-friagem-provoca-resfriado-693015.shtml

Disputa 3º lugar

Final

Usina da cultura

www.usinadacultura.com

23


Profissão: Assistente Social Seja no campo empresarial ou em outras formas de exercício profissional, o assistente social, formado pelo curso de Serviço Social, tem como objetivo amparar pessoas que, de alguma forma, não tem total acesso à cidadania, ajudando-os a resolver problemas ligados a educação, habitação, emprego, saúde. É uma profissão de cunho assistencial, ou seja, voltada para a promoção do bem-estar físico, psicológico e social. Este profissional pode trabalhar em empresas privadas, órgãos públicos e ONGs, orientando e acompanhando pessoas e desenvolvendo programas de assistência dirigidos a diversos públicos como crianças em situação de risco, populações com poucos recursos financeiros ou afetadas por catástrofes naturais, idosos, etc. O trabalho em Organizações Não Governamentais (ONG) se inscreve no que é denominado terceiro setor da economia, ou seja, entidades civis sem fins lucrativos que

trabalham com atividades relacionadas com os temas sociais de que se ocupam as políticas públicas (saúde, educação, segurança pública, habitação, etc). O primeiro Setor se refere à administração pública direta e o Segundo à iniciativa privada. As ONGs configuraram-se como um dos mercados de trabalho para o assistente social, dada a natureza de suas funções. A criação de uma Ong deve respeitar princípios legais mínimos, como o registro de um estatuto e inscrição em cartório; não há exigência ou impedimento quanto à profissão de seus fundadores. Portanto você poderia fundar uma organização mesmo sem realizar a formação em serviço social. No setor público o acesso se dá via concurso público. http://guiadoestudante.abril.com.br/orientacao-vocacional/consulte-orientador/faz-assistente-social-744496. shtml

D

esde os primórdios das civilizações, sempre existiram pessoas preocupadas com o bem -estar social, embora como profissão, o reconhecimento tardou. Segundo a história do serviço social, a primeira casa considerada de assistencialismo foi criada em 1543, por iniciativa de Brás Cubas, a “Casa de Deus para os homens”, a atual Santa Casa de Misericórdia de Santos. Em 1582, foi criada a Santa Casa em Rio de Janeiro, devido à chegada de inúmeros feridos de guerra e a partir daí foram criadas casas de assistência em muitos outros estados. A primeira Carta Régia que mencionava o assistencialismo social foi escrita em 1693, referindo-se especificamente a proteção de menores. O termo “serviço social”

24

Usina da cultura - Junho 2014

surgiu nos EUA, em 1904, utilizado para designar uma escola em Boston, para profissionais que atuavam nessa função.Apesar da profissão ser antiga, regulamentação só veio em 7 de junho de 1993, pela Lei n°8.662.


Tema do mês: Copa do mundo Quer participar? Envie sua foto para

CONCURSO FOTOGRÁFICO

Requisitos mínimos da imagem: 300 dpi, largura 30 cm e altura 20 cm. Mais informações em

www.usinadacultura.com

click@usinadacultura.com As fotos serão postadas na fanpage da Usina da cultura e a mais curtida será impressa na página central da próxima revista. O vencedor ganhará uma HOSPEDAGEM NA POUSADA SÍTIO ÁGUA DA RAINHA, com uma cesta de café da manhã!! . Envie sua fotografia até o dia 30 de JUNHO, não esquecendo de acrescentar seu nome completo, a cidade onde reside e uma descrição para a imagem. Quanto antes você enviar, mais curtidas poderá conseguir! As votações serão feitas pelo facebook até o dia 5 de JULHO.

www.facebook.com/usinadacultura Apoio:

25


www.usinadacultura.com

Vencedora do concurso fotogrĂĄfico Click! Maio de 2014

Foto de Diego StĂŠdile Malaquias


Gosta de escrever? Estamos esperando sua crônica! Mais info no e-mail info@usinadacultura.com

Por mais terras que percorra Texto: Rosana Martins

A

os setenta anos de idade ele chorava. Sentado na sala, em frente à TV. Era oito de maio, dia da vitória. Seus companheiros de guerra desfilavam pela tela. Boinas azuis, braçadeiras com a cobra fumando, orgulho no peito ao som da canção do expedicionário “…por mais terras que eu percorra, não permita Deus que eu morra”. Ele não morreu. Com seus vinte e dois anos, voltou para o Brasil, para o seio da família. Seu pai estava na roça quando o avistou ainda longe, todo fardado, na estrada de chão: “Meu filho, por que tu fez isso?”, disse o homem chorando, com alívio. Suas mãos, no alto da cabeça, pareciam agradecer aos céus. O filho havia se alistado voluntariamente na Força Expedicionária Brasileira, contra sua vontade. Homem rude, do campo, não entendia outra lida senão aquela. Plantar para ter o que comer. Que coisa louca era aquela de se meter numa guerra. Nunca entendeu seu filho, que se negou à enxada para buscar uma vida melhor. Na casa grande da fazenda, onde a família era agregada, fez amizade com o patrão. Sentava nos finais de tarde com o velho senhor para ouvir o rádio. Uma novidade que o encantava. De lá ele ouvia, mais que isso, enxergava o mundo

28

Usina da cultura - Junho 2014

que queria para ele. Escutando as notícias do Repórter Esso, as belas vozes das cantoras do rádio. Entendia o que se passava na capital, no país, no mundo. O rádio e o velho senhor bem sucedido eram seus elos com tudo que sonhava. E foi pelo rádio que soube da convocação de voluntários para ir ao outro lado do oceano defender a pátria. Era a sua oportunidade. O jeito de lançar-se ao voo. Tornou-se soldado da FEB. Combateu na Itália, terra que se apaixonou. Nos lugarejos de Monte Castelo, logo aprendeu a parlar a língua estrangeira. O povo local recebia amavelmente aqueles bambinos. Valentes bambinos. Meses se passaram, quase um ano. Quanta terra já havia percorrido na vida até ali. A guerra terminou. O soldado voluntário fez seu pé de meia. Economizou o dinheiro que ganhou se arriscando em meio a bombas e tiroteios. No lugarejo onde viviam os pais, montou negócio. Fez curso de radiotécnico. Consertou muitos rádios, até chegarem os aparelhos de TV. Nessas estradas trilhadas por ele, já era comerciante. Reconhecido comerciante. Além de consertar, já vendia modernos aparelhos de rádio, e a maior das novidades: a TV. Levou uma para casa. A vizinhança reuniase em sua casa para assistir aquele espetáculo. Agora era ele o senhor. Tinha orgulho de si mesmo. Negou-se a enxada, por mais terras que tivesse a percorrer. Foto: Jader Klein


Autora: Valda da Silva Soprano. Título: Quero-Quero. Técnica: Óleo sobre tela Você desenha? Pinta? 3D? Escultura? Mosaico? Algum tipo de arte visual??? Então este é teu espaço! Mais info no info@usinadacultura.com


Romeu e Julieta

Imagem do filme Romeu e Julieta, do diretor Franco Zeffirelli , 1968, baseado na obra teatral de William Shakespeare.

30

Usina da cultura - Junho 2014


R omeu e Julieta, a história trágica do amor de dois jovens, é o título de uma tragédia de Shakespeare (1597), uma obra imortal da literatura, que começa da seguinte forma:

“Duas famílias notáveis da linda Verona, onde a história se passa, transformam em guerra as desavenças antigas, manchando de sangue as suas mãos. E do seio destas duas famílias inimigas nascem dois amantes predestinados”. A história acontece em Verona, Itália, incidindo na rivalidade entre as casas dos Capuleto e dos Montéquio. Romeu, filho de Montéquio, era o único que se afastava das lutas, o que intrigava as duas famílias. Num jantar da família Capuleto, Romeu e os seus homens entraram disfarçados. Romeu viu, então, pela primeira vez, Julieta e, deslumbrado com a sua beleza e atitude, ficou perdidamente apaixonado. Romeu, que pensava que Julieta era uma convidada da família, cortejou-a e beijou-a, antes de saber que esta era uma Capuleto. Quando a festa acabou, Julieta perguntou à ama quem era o jovem que tanto a impressionara e descobriu que estava apaixonada por Romeu Montéquio, filho da casa rival. Romeu cortejou Julieta às escondidas, no jardim da casa dos Capuleto, e ambos juraram um amor tão fiel que repudiariam as respectivas famílias, caso fosse necessário. Mais tarde, Romeu confessou a Frei Lourenço o seu amor por Julieta, e este aceitou casá-los, em segredo. Numa praça de Verona, Tebaldo, primo de Julieta, encontrou Romeu e desafiou-o, assim como aos seus companheiros. Apesar de Romeu não querer lutar, Tebaldo feriu de morte Mercúrio, um dos seus amigos. O jovem Romeu viu-se, assim, obrigado a matar Tebaldo e, em consequência desse ato, foi expulso de Verona, por ordem do príncipe Escalo. O pai Capuleto pretendia que Julieta se casasse com Páris logo que terminasse o luto pela

morte de Tebaldo. A sós, Frei Lourenço contou a Julieta um estratagema para impedir o seu casamento com Páris. Segundo o plano, Julieta deveria fingir que aceitava o casamento. Beberia uma poção que a daria como morta e, quando estivesse no túmulo dos Capuleto, seria resgatada por Romeu, entretanto avisado, fugindo, depois, com ele para Mântua. Julieta assim fez. Tudo aconteceu conforme o planeado, só que Romeu foi apenas avisado da morte de Julieta e não da trama de Frei Lourenço, explicada numa carta a Frei João, que não conseguiu entregá-la a Romeu. Em Mântua, Romeu comprou um veneno letal e dirigiu-se, em seguida, ao túmulo de Julieta, em Verona. Romeu, desesperado com a morte da amada, bebeu o veneno e caiu ao lado do túmulo de Julieta. No mesmo momento, Frei Lourenço aproximou-se para libertar Julieta do seu túmulo e do seu sono. Julieta acordou e, encontrando o seu amado morto, decidiu morrer também, pegou no punhal e cravou-o no peito. As famílias, chocadas pela tragédia e pelo ódio que a originou, resolveram reconciliar-se ali mesmo. Para a história ficou um amor intenso e trágico que nem a morte conseguiu separar. A peça de Shakespeare, estreada em 1595, obteve um sucesso enorme e foi impressa, pela primeira vez, em 1597. Apesar da história ser fictícia, tal como é referido na peça, “uma tragédia engenhosamente imaginada”, o tema estava já presente na literatura grega. Foi, no entanto, Luigi de Porto o primeiro a utilizar os nomes Romeu e Julieta. Esta versão foi traduzida para inglês, em 1562, por Arthur Brooke, em Tragical History of Romeo and Juliet, fonte na qual se baseou Shakespeare. Extraído de: http://www.infopedia.pt

31


Eco Motor

Medo de dirigir?

Leia o texto na íntegra no blog da Usina! -----> usinadacultura.com

Vença este obstáculo

O

s pés suam, as mãos pingam e a barriga gela. Os pensamentos entram em ebulição, você perde o controle de si e só tem vontade de sair correndo do carro. O medo de dirigir surge, muitas vezes, sem explicação concreta. Há muita gente, mulheres na maioria, que nunca encostou num volante e, mesmo assim, sente calafrios só de pensar em assumir o banco do motorista. Uma das pioneiras nos estudos sobre o medo de dirigir, psicóloga e autora do livro Vença o medo de dirigir, Neuza Corassa, apresenta uma série de dicas e técnicas que já ajudaram muita gente a vencer as críticas e o sofrimento por não conseguir virar a chave e sair por aí. Se você pertence ao grupo que sonha em ganhar independência, indo para qualquer lugar sem depender de ninguém ou de condução, saiba que se livrar dos pensamentos sabotadores é o primeiro passo. Aí vão algumas dicas bem úteis!

Em vez de... …Esperar aprender feito mágica, treine a direção. Como numa aula de dança e de pintura, quanto mais prática, melhor o resultado. …Sonhar em aprender do dia para a noite, valorize cada conquista. Observe sua evolução nas ruas e, até mesmo, na garagem de casa. …Querer dirigir igual aos profissionais, contente-se em circular pela cidade no seu ritmo. Aos poucos tudo vai ficando mais fácil e você descobre que não há necessidade de competição. …Aguardar que alguém ofereça o carro para você treinar, peça. Assuma responsabilidade por ele e não se cobre tanto. Deixar o carro morrer ou ter dificuldade nas ladeiras é mais do que normal. Desligue, comece de novo e, se for o caso, peça ajuda. …Achar que o carro transforma você em outra pessoa, seja você mesmo. Ignore as pressões externas e vá vencendo suas dificuldades no seu ritmo, mas sem abandonar seu objetivo.

Acesse usinadacultura.com e conheça alguns dos principais mitos que precisam ser derrubados se você deseja, realmente, assumir a direção. Extraído de: http://www.minhavida.com.br/bem-estar/ materias/4044-venca-o-medo-de-dirigir

32

Usina da cultura - Junho 2014


Nove residências de Alto Standing, em plena natureza

Ultrabook

Notebook

Novo endereço! Avenida Júlio de Castilhos, 299 (ao lado da Lotérica) (54) 3244-1522 • heurekainf@msn.com

Venha conhecer nossa coleção de óculos outono/inverno 2014


A descoberta da

penicilina A

penicilina é um antibiótico natural derivado do bolor produzido pelo fungo Penicillium chrysogenum (ou P. notatum) e está disponível como fármaco desde 1941, sendo o primeiro antibiótico a ser utilizado com sucesso. Tem-se dito que muitas descobertas científicas são feitas ao acaso. O acaso, já dizia Pasteur, só favorece aos espíritos preparados e não prescinde da observação. A descoberta da penicilina constitui um exemplo típico. Alexander Fleming, bacteriologista do St. Mary’s Hospital, de Londres, vinha já há algum tempo pesquisando substâncias capazes de matar ou impedir o crescimento de bactérias nas feridas infectadas. Essa preocupação se justificava pela experiência adquirida na Primeira Grande Guerra (1914-1918), na qual muitos combatentes morreram em consequência da infecção em ferimentos profundos. Em 1928 Fleming desenvolvia pesquisas sobre estafilococos, quando descobriu a penicilina, graças a uma sequência de acontecimentos imprevistos e surpreendentes. Nesse ano Fleming tirou férias e, por esquecimento, deixou algumas placas com culturas de estafilococos sobre a mesa, em lugar de guardá-las na geladeira ou inutilizá-las, como seria natural. Quando retornou ao trabalho, observou que algumas das placas estavam contaminadas com mofo, fato que é relativamente frequente. Colocou-as então, em uma bandeja para limpeza e esterilização com lisol. Neste exato momento entrou no laboratório um seu colega, Dr. Pryce, e lhe perguntou como iam suas pesquisas. Fleming apanhou

34

Usina da cultura - Junho 2014

novamente as placas para explicar alguns detalhes ao seu colega sobre as culturas de estafilococos que estava realizando, quando notou que havia, em uma das placas, um halo transparente em torno do mofo contaminante, o que parecia indicar que aquele fungo produzia uma substância bactericida. O fungo foi identificado como pertencente ao gênero Penicilium, donde deriva o nome de penicilina dado à substância por ele produzida. Fleming passou a empregá-la em seu laboratório para selecionar determinadas bactérias, eliminando das culturas as espécies sensíveis à sua ação. A descoberta de Fleming não despertou inicialmente maior interesse e não houve a preocupação em utilizá-la para fins terapêuticos em casos de infecção humana até a eclosão da Segunda Guerra Mundial, em 1939. Em 1940, Sir Howard Florey e Ernst Chain, de Oxford, retomaram as pesquisas de Fleming e conseguiram produzir penicilina com fins terapêuticos em escala industrial, inaugurando uma nova era para a medicina - a era dos antibióticos. A descoberta da penicilina só se tornou possível graças a uma série inacreditável de coincidências, quais sejam: O fungo que contaminou a placa, como se demonstrou posteriormente, é um dos três melhores produtores de penicilina dentre todas as espécies do gênero Penicilium; O fungo contaminante teria vindo pela escada do andar inferior, onde se realizavam pesquisas sobre fungos; O crescimento do fungo e dos estafilococos se fez lentamente, condição necessária para se evidenciar a lise bacteriana; No mês de


Á direita, imagem de Alexander Fleming em seu laboratório. Ao centro, fungo Penicillium,que produz uma substância com efeito bactericida. Abaixo, propaganda da penicilina durante a 2ª Guerra Mundial.

agosto daquele ano, em pleno verão, sobreveio uma inesperada onda de frio em Londres, que proporcionou a temperatura ideal ao crescimento lento da cultura. A providencial entrada do Dr. Pryce no Laboratório permitiu que Fleming reexaminasse as placas contaminadas e observasse o halo transparente em torno do fungo, antes de sua inutilização. Apesar de todas essas felizes coincidências, se Fleming não tivesse a mente preparada não teria valorizado o halo transparente em torno do fungo e descoberto a penicilina. Extraído de: http://pt.wikipedia.org/wiki/Penicilina

35


Veja bem...

A adolescência saudável e a prática de exercícios

Q

ual o adolescente que não se preocupa com sua forma física, sua aparência, seu estado de ânimo e com sentir-se bem e a gosto perante o grupo? Muitos são os aspectos que modificam no período da adolescência, tanto físicos, quanto anímicos. Por isso, é importante que pais e professores estejam atentos a estas transformações que, muitas vezes, alteram o comportamento e os interesses do jovem adolescente. Está comprovado que a prática de exercícios físicos fortalece, nessa idade, o equilíbrio mental, emocional e físico, que pode ajudá-lo a sentir-se bem nessa etapa belíssima e, ao mesmo tempo, difícil da vida do ser humano. Seu corpo e mente estão como o botão de uma rosa, prontos para desabrochar, para exalar seu perfume e sua beleza. Por isso o nível hormonal está em potência máxima, borbulhando nessa criatura que não sabe o que fazer com tanta energia. Hoje, através da mídia e da informação, esta-

36

Usina da cultura - Junho 2014

mos sempre recebendo orientações sobre a prática de atividades físicas em prol da saúde, porém estas nem sempre influenciam nos hábitos e atitudes dos adolescentes. Vemos, aqui, o papel fundamental da escola e dos serviços de esporte prestados à cidade, para estimular a prática sistematizada de exercícios que transformem o cotidiano das crianças e adolescentes sedentários. Muitas vezes, a falta de oportunidades e estímulo para a prática de exercícios levam o adolescente a ficar sentado várias horas em frente a TV ou computador, com posturas inadequadas e em detrimento de um desenvolvimento saudável. Na prática de exercícios, é importante que o jovem escolha os tipos de atividades que o agradam, para que consiga manter a motivação e a regularidade. Além de proporcionar fortalecimento físico, como músculos e ossos, o exercício físico estimula a coordenação motora, ajuda a des-


cansar mais relaxadamente na hora do sono, o que facilita estar mais apto para resolver problemas e dificuldades. Também favorece o desempenho escolar e social, pois ao sentir-se mais confiante em si mesmo o jovem se integra melhor na família e sociedade, apresentando menos problemas com humor ou depressão. São muitas as vantagens da prática de exercícios físicos na adolescência, por isso é importante que o jovem seja estimulado a praticá-los, sempre com acompanhamento profissional, que orientará quais exercícios são apropriados para sua característica física. O sedentarismo se combate desde a infância e juventude criando uma atitude ativa para superá-lo, pois, por natureza, o homem sempre tende ao comodismo e a inércia.

...a prática de exercí-

cios...também favorece o desempenho escolar e social, pois ao sentir-se mais confiante em si mesmo o jovem se integra melhor na família e sociedade, apresentando menos problemas de mudanças de humor ou depressão.” Mercedes Sánchez, educadora de longa trajetória na educação brasileira, com a constante preocupação de procurar meios que possibilitem o desenvolvimento do ser humano.

Dra. Daniela Valim Bohrer Cirurgiã • Dentista CRO 8122

(54) 3244-2025 ARTIGOS PARA DECORAÇÃO E PRESENTES Tel: 3244-4058 Av. Júlio de Castilhos 603, sl 15 e16 Galeria Caáguas • São Francisco de Paula

22

ANOS (54) 3244-1492 • (54) 3244-1016

R. Benjamin Constant, 13 S.F.P.

tecmacsf@megaway.com.br

Av. Júlio de Castilhos 340 sl 107 • Centro São Francisco de Paula- RS

Anuncie aqui! (54) 3244-1355 Novo ereço! end (54) 3244-4093

R. Cel Lulu Machado,195 - Centro 37


Veja bem...

A imigração alemã

V

indo para o país inicialmente como soldados e colonos, os alemães venceram grandes dificuldades e marcaram de maneira muito significativa a história do Brasil. São Leopoldo, no Vale dos Sinos, Rio Grande do Sul, foi o ponto de partida de uma luta pela sobrevivência que mudou a história do Brasil e que começou em 1824, com a fundação da primeira colônia de imigrantes alemães no país. Na época, o Brasil havia acabado de se tornar independente de Portugal. Então, por influência de José Bonifácio, o imperador Dom Pedro I decidiu inaugurar, com esses imigrantes, um programa de imigração para o Sul, movido por questões de segurança nacional, diante das sucessivas disputas territoriais naquela então erma região fronteiriça. Naquela época, a Alemanha estava dividida em uma porção de reinados, principados e ducados, todos independentes, mas unidos precariamente pelo idioma. Ela viria a ser unificada por Bismarck apenas em 1871. Nos primeiros 50 anos de imigração, vieram para o Rio Grande do Sul entre 20 e 28 mil

alemães e quase todos se dedicaram à colonização agrícola. Essa colonização alterou a ocupação de espaços, levando gente para áreas até então desprezadas. Introduziu também outras grandes modificações. Até aquele momento, a classe média brasileira era insignificante e se concentrava nas cidades. Os colonos alemães acabaram formando uma classe de pequenos proprietários e artesãos livres em uma sociedade dividida entre senhores e escravos. Desde a fundação de São Leopoldo, aproximadamente 300 mil alemães vieram para o Brasil. Depois de colonizar o Rio Grande do Sul, ainda no século 19, eles subiram para Santa Catarina, que atualmente tem a maior população de descendência alemã — mais de 20% do total —, e seguiram rumo ao Espírito Santo, marcando presença no Paraná e, em menor escala, no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Esta casa abrigou os primeiros imigrantes alemães que chegaram a São Leopoldo. Na época chamada Real Feitoria do Linho Cânhamo.

Ao centro o patrono do “separat” Peter Karst. Este homem foi marceneiro que comandou a construção do primeiro prédio do Orpheu em 1861.

38

Usina da cultura - Junho 2014

Texto: Diogo Dreyer da Silva Fonte: http://www.aprendebrasil.com.br/reportagens/ alemanha/default.asp


História

Confecções · Masculino Feminino · Infantil · Bijou

Sua família sempre na moda (54) 9951-6144

R. Getúlio Vargas, 50 - Centro - SFP

100 anos de Vasco Prado

Pioneiro da escultura moderna gaúcha

V

asco Prado é um dos escultores mais importantes do Brasil e, certamente, um dos mais influentes em sua terra natal (RS), tendo formado gerações de novos artistas e inseminado o trabalho de muitos outros. Com sua temática social e politicamente engajada, claramente descritiva, sua obra passou a apresentar um caráter cada vez mais sintético, com um magnífico equilíbrio formal de índole classicista, embora tenha incorporado diversos elementos e recursos técnicos da contemporaneidade e jamais tenha aberto mão de suas convicções políticas libertárias. O artista procura temáticas ligadas aos valores regionais, como o cavaleiro e o cavalo, em que a figura humana é representada com um amplo sentido de dignidade, e o anima, com atributos de força e altivez, mas também com suavidade. Fez monumentos públicos sobre temas e figuras ilustres da história e tradição gaúcha e brasileira, como o Tiradentes, na Assembléia Legislativa do RS, e diversas versões do Negrinho do Pastoreio, como a encontrada na avenida principal de São Francisco de Paula. Além da maestria apresentada no manejo da pedra e do bronze, também foi um grande gravador, ceramista e desenhista. Fontes: http://www.ccmq.com.br http://pt.wikipedia.org/wiki/Vasco_Prado

Cama, mesa, banho Roupas adulto e infantil Tecidos Linhas e lãs Lingerie Confira nossas ofertas! Av. Júlio de Castilhos, 551. São Francisco de Paula /RS

(54) 3244-1630

Horário de funcionamento das 7:30 as 21h de segunda a sexta; sábado 7:30 as 20h

Av. Júlio de Castilhos, 530 - Centro

Quieres hablar español? Clases particulares Traducciones Português - Español

Moisés - (54) 9958-4087 39


Conta conto A árvore dos problemas

E

sta é a história de um homem que contratou um carpinteiro para ajudar a arrumar algumas coisas na sua fazenda. O primeiro dia do carpinteiro foi bem difícil. O pneu do seu carro furou. A serra elétrica quebrou. Cortou o dedo. E, ao final do dia, o seu carro não funcionou. O homem que contratou o carpinteiro ofereceu uma carona para casa. Durante o caminho, o carpinteiro não falou nada. Quando chegaram a sua casa, o carpinteiro convidou o homem para entrar e conhecer a sua família. Quando os dois homens estavam se encaminhando para a porta da frente, o carpinteiro parou junto a uma pequena árvore e gentilmente tocou as pontas dos galhos com as duas mãos. Depois de abrir a porta da sua casa, o carpinteiro transformou-se.

Os traços tensos do seu rosto transformaram-se em um grande sorriso, e ele abraçou os seus filhos e beijou a sua esposa. Um pouco mais tarde, o carpinteiro acompanhou a sua visita até o carro. Assim que eles passaram pela árvore, o homem perguntou: - Porque você tocou na planta antes de entrar em casa? - Ah! esta é a minha Árvore dos Problemas. Eu sei que não posso evitar ter problemas no meu trabalho, mas estes não devem chegar até os meus filhos e minha esposa. Então, toda noite, eu deixo os meus problemas nesta Árvore quando chego em casa, e os pego no dia seguinte. E você quer saber de uma coisa? Toda manhã, quando eu volto para os buscar, eles não são nem metade do que eu me lembro de ter deixado na noite anterior. Autor desconhecido

40

Usina da cultura - Junho 2014


Curiosidades Você sabia que os bebês já podem ouvir sons logo nos primeiros meses de gestação? E que na vigésima semana de gestação, o ouvido do bebê já está completamente formado? Sendo assim, ele já é capaz de ouvir os sons do meio ambiente e as vozes dos pais, reagindo dentro da barriga da mãe, pois já os identifica claramente. Portanto, mamãe, papai, vovós e vovôs conversem com o  bebê quando ele estiver ainda dentro da barriga, isso o ajudará no desenvolvimento do vínculo familiar e no processo de aquisição de linguagem. Dicas: • Que tal, adicionar músicas calmas ao seu aparelho de MP3? Quando o bebê estiver agitado é só colocar  o som perto da barriga. (evite celular por causa da radiação). • Ouça músicas de ninar próximo da hora de dormir, pois acalma o bebê e o faz entender que está na hora de ter uma noite de um sono longo e prazeroso. Fonte: http://www.vocesabia.net

SORVETERIA E PASTELERIA Pastel Tortas TELE-ENTREGA Doces 3244-1506 Salgados Sorvetes Panquecas A la minuta Café expresso Chocolate quente Rua Assis Brasil, 258 - Centro

Cursos de Idiomas, Informática e Profissionalizante R. Cel. Lulu Machado, 449

(54) 3244-2689

A SUA PAPELARIA

Anuncie aqui! (54) 3244-1355

T. (54) 3244-3781 R. Frederico Tedesco 436 • Centro

TUDO PARA SEU CARRO E CAMINHÃO Oficina mecânica - Fábrica de carroceria Injeção eletrônica - Peças - Geometria e balanceamento carro e caminhão

Yoga, estética e massagens

(54) 3244-1212

Av. Júlio de Castilhos 1014 - Centro. SFP

41


Macarrão Paganini Receita de Rodrigo Fabro Ingredientes: 1 cebola picada 3 dentes de alho picados ¼ de pimentão amarelo, verde e vermelho 500 g frango picado 350 g macarrão tipo rigatone (sugestão) 400 ml leite 1 colher (S) amido de milho 1 caldo de galinha Noz moscada em pó, salsa, e sal a gosto.

Modo de Preparo: Frango • Levar o frango, com óleo e sal, ao fogo, em torno de 15 minutos. • Acrescentar o alho e a cebola, por mais 15

42

Usina da cultura - Junho 2014

minutos. • Adicionar os pimentões. • Refogar por poucos minutos. • Reservar. Molho branco e Macarrão • Em uma panela, misturar todos os ingredientes do molho branco. • Deixar ferver até criar consistência de mingau. • Ao mesmo tempo, em outra panela, colocar a água para ferver, com sal a gosto e um fio de óleo. • Quando a água estiver fervendo, colocar o macarrão e deixar cozinhar até chegar ao ponto de “al dente”. • Escorrer e reservar em uma travessa. • Misturar o molho branco ao preparo de frango. • Levar ao fogo até levantar fervura. • Servir com o macarrão.


Receitas

TELE ENTREGA

Aceitamos encomendas

Bolo de Banana Rapidão Fonte: Panelaterapia Loja de conveniência

Ingredientes: 4 bananas 2 ovos 1 xícara de farinha de trigo 1 xícara de açúcar 4 colheres (S) de óleo 1 colher (S) de fermento em pó Açúcar e canela para polvilhar

Garantia de combustível puro 100% PURO

Gaspar Martins 61- Centro

Modo de preparo:

• Amassar 2 bananas e juntar os ovos, a farinha de trigo, o açúcar, o óleo e, por último, o fermento em pó. • Misturar a massa com um batedor de arame ou similar. • Colocar em forma untada e enfarinhada • Picar 2 bananas e espalhar por cima da massa. • Polvilhar açúcar e canela, tomando cuidado para não colocar demais nas bordas, pois o açúcar gruda na parede da assadeira e fica queimado. • Levar para assar em forno preaquecido em 200º.

SUPER 1,99

- Bazar - Brinquedos - Utilidades domésticas

(54)9903-0594

Av. Júlio de Castilhos 899

VOCÊ CURTE AS RECEITAS DA REVISTA USINA? TODAS ELAS ESTÃO ESPERANDO POR VOCÊ NO BLOG DO SITE ! WWW.USINADACULTURA.COM ESCANEIE O CÓDIGO ----------->

Rua Benjamin Constant, 504 Bairro Centro São Francisco de Paula/RS Fone: (54) 3244.1555 www.redemac.com.br

43


Lá na Espanha

Helena Cárdenas, Designer, comunicadora e escritora vocacional. Apaixonada pela serra gaúcha e por seu país, Espanha, reside em Barcelona atualmente, mas se considera uma cidadã do mundo.

A noite em que a cultura sai às ruas Façamos uma brincadeira: O que tem em comum o galeão, o chocolate, a fotografia e os robots? Pois é, todos formam parte de alguma exposição nos diversos museus da cidade. Isto é só uma introdução para falar a respeito da “Noite dos Museus”. No dia 18 de Maio celebrou-se o Dia Internacional dos Museus e, para comemorá-lo, mais de 120 cidades europeias abriram as portas de seus museus durante a noite do sábado, 17 de Maio. Na ocasião foi possível visitar gratuitamente, até a madrugada, os museus das cidades. Em Barcelona, por exemplo, mais de 70 museus abriram suas portas.

44

Usina da cultura - Junho 2014

Este evento é muito especial, não somente porque os cidadãos tem a possibilidade de visitar diversas exposições, mas também porque permite a participação em diversas atividades, como visitas guiadas, teatro, concertos e espetáculos ao ar livre, ou seja, tudo para fazer mais atrativa a noite dos visitantes. Esta atividade teve início em Berlim (Alemanha), no ano 1977 e desde então é crescente o número de cidades que participam da mesma. A comissão Europeia organiza este evento nas principais cidades da Europa. Outros países como Argentina e Filipinas seguem esta proposta cultural. Habitualmente, quando pensamos em museus, pensamos em exposições de arte em geral, com amplos salões, onde as peças são expostas de forma estática, mas nem todos os museus são assim. Por exemplo, o Museu das Invenções mostra os trabalhos mais curiosos, famosos e extravagantes.


No Museu de Ciência, os pequenos podem descobrir como funcionam as principais leis da física e, inclusive, como funcionam os robots, tudo com sistemas multimídias e equipes que lhes ensinam de forma simples e prática. Para os interessados nos astros, podem desfrutar de uma fantástica viagem interestelar, sentados no Planetário, percorrendo a Galáxia. Todos sabemos que a palavra “cultura” é um termo muito amplo e que abrange desde tradições até diferentes formas de expressão artística. Este tipo de atividade aproxima um pouco mais a cultura a todos os cidadãos e fomenta o interesse pelas artes e ciências.

É uma maravilhosa iniciativa para compartilhar o conhecimento, a cultura e a arte, pois a cultura somos todos e é construída por todos.

Artigos gauchescos

Aqui se cultiva a tradição e os bons costumes (54)3244-1085 R. Borges de Medeiros, 49 Centro - São Fco de Paula

INGLÊS Venha aprender com a gente! Come learn with us! R. Manoel Vicente Ferreira nº257 Centro - SFP - (54) 3244-1625

Cama, mesa e banho.

Tel: 3244-2318

Rua 3 de outubro, 51. S.F.P.

(54) 3244-1284

Av. Júlio de Castilhos, 477- Centro

Viagens de baixo custo! facebook.com/penatrilhatur pe-na-trilhatur@hotmail.com

45


munDO Os direitos dos idosos

Sabia que o “Fuleco” - ou tatu-bola é o mascote da Copa do Mundo FIFA 2014, que está acontecendo no Brasil? Ele é da família das bolas, conhecida como tatu-bola-dacaatinga, que encontra-se em estado de espécie ameaçada de extinção. :-(

Você sabia que a terceira idade possui assentos preferenciais nos transportes públicos? Pois é!! Estes assentos possuem uma cor diferenciada dos demais e uma placa de sinalização. Não utilize esses lugares enquanto algum idoso estiver em pé! É nosso DEVER _______________os mais velhos!! 1) Pinte as letras X de vermelho, Y de azul e Z de verde e descubra a palavra que completa a lacuna acima. 2) Vamos contar? a) Há quantas letras X? b) E quantos Y? c)Qual a soma de todas as letras?

X Z Z X Y Y T X X Y

Y X S Z X X X Y Y X

Z X X Y Z Z Y X Z X

Z Y Z E Y Y Z Y Z Z

R X Y Z X X Z A Y Y

X Z X Y Z Z Z Z X X

X X Z X I Z X Z X Y

Y Z Y Z X X Y Z Y Z

Z Y X Z Y Y Y Y Z Y

X X Y Y Z X X X Z X

Z E P Y X Y Y Z Y R

Adivinha!! Qual a diferença entre a mulher e o leão?

O que o peixe falou para a namorada?

A mulher usa batom, e o leão ruge

O que o cavalo foi fazer no orelhão? Ele foi passar um trote

46

Usina da cultura - Junho 2014


Mensagem enigmática Copie as frases substituindo os desenhos por palavras. • Não esqueça que quando há o sinal de menos (-) você deve subtrair a(s) sílaba(s) correspondente(s). Quando houver o sinal de mais (+) você deve somar.

- nte M

Anuncie aqui!! (54) 3244-1355 Av. Júlio de Castilhos, 852. S.F.P. alexcruzeiro@ibest.com.br

(54) 9944-0440

47


Museu Imperial, Petrópolis - RJ O  Museu Imperial possui um dos principais arquivos históricos do Brasil, contando com mais de 200 mil documentos, gravuras, mapas e fotografias. A Biblioteca do Museu, especializada em história, principalmente a do Brasil no período imperial, possui mais de 50 mil volumes, com 8 mil obras raras, organizados em seis grandes coleções. Possui também biografias, história de Petrópolis e artes em geral. Coleção de Obras Raras: Está constituída, na maioria, por obras publicadas no século XIX, muitos exemplares dos séculos XVII e XVIII e, até mesmo, um livro publicado em 1567. Além de livros, também fazem parte da coleção jornais, revistas, almanaques, partituras, ex-libris, relatórios das províncias e dos ministérios, coleção de Leis do Império, etc.   Entre eles, merecem destaque obras que pertenceram à família imperial, com encadernações de luxo, belíssimas iluminuras, diversas obras dedicadas a d. Pedro I e d. Pedro II e outras ainda anotadas, ilustradas com o brasão de armas da família imperial. O acervo do Museu Imperial tem na coroa de d. Pedro II a sua peça de maior destaque, assim como

48

Usina da cultura - Junho 2014

o cetro dos imperadores brasileiros e a pena usada pela princesa Isabel para assinar a Lei Áurea, em 13 de maio de 1888.   O museu Imperial está situado na cidade de Petrópolis, Rio de Janeiro, no prédio que fora a casa de veraneio da família imperial. http://www.museuimperial.gov.br/historico-a-personagens/2051-historico-a-personagens.html

Pena usada pela Princesa Isabel para assinar a lei Áurea.


cantinhodospais Para os novos pais

N

as primeiras semanas de vida parece que o bebê faz pouco mais que comer, dormir, chorar e sujar fraldas. Mas, as aparências iludem, e, sob aquele ar indefeso de quem depende completamente de nós, há um ser alerta, que absorve tudo o que vê, escuta, cheira, prova e toca.

Visão, tato, audição, olfato e paladar

Absorver é o verbo perfeito neste contexto, pois o recém-nascido é uma autêntica esponja, ligando-se a nós através de cada um dos sentidos, à medida que tenta perceber como o mundo funciona. O cheiro, o paladar e o tato, já são “poderosos” à nascença, enquanto, por exemplo, a audição só se desenvolve completamente ao fim do primeiro mês, e a visão ao longo do primeiro ano. De qualquer forma, os cinco sentidos ligam o bebê ao exterior, e constituem uma porta aberta à experimentação de muitas sensações novas e extraordinárias. Os bebês, mesmo recém-nascidos, fazem muito mais do que parece à primeira vista. Eles interessam-se por tudo, e faz parte do “trabalho” da família oferecer-lhes alternativas de interação, que estimulem e alimentem a sua ânsia de aprender. Cabe aos pais guiá-los e estimulá-los, acompanhando-os na conquista de habilidades e na percepção do meio envolvente. Fonte: http://www.paisefilhos.pt/index.php/criancas/dos-0-aos-2-anos/7038-os-cinco-sentidos-do-bebe

Veja a explicação mais completa com relação a cada sentido e como o bebê o desenvolve, no blog da Usina. Você pode acessar a través do código QR ou pelo site www.usinadacultura.com. No menu Blog, colocar o título da reportagem “Para os novos pais” no buscardor.

49


PLAY

Filmes Ray (na locadora)

Direção: Taylor Hackford Gênero: Biografia , Drama , Musical Em 1932 Ray Charles (Jamie Foxx) nasce em Albany, uma pequena e pobre cidade do estado da Georgia. Ray fica cego aos 7 anos, logo após testemunhar a morte acidental de seu irmão mais novo. Inspirado por uma dedicada mãe independente, que insiste que ele deve fazer seu próprio caminho no mundo, Ray encontrou seu dom em um teclado de piano. Fazendo um circuito através do sudeste, ele ganha reputação. Sua fama explode mundialmente quando, pioneiramente, incorpora o gospel , country e jazz, gerando um estilo inimitável. Ao revolucionar o modo como as pessoas apreciam música, ele simultaneamente luta conta a segregação racial em casas noturnas que o lançaram como artista. Mas sua história não está marcada só por conquistas, pois sua vida pessoal e profissional é afetada ao se tornar um viciado em heroína.

No Limite do Amanhã (em cartaz)

Direção: Doug Liman Gênero: Ficção científica , Ação Não recomendado para menores de 14 anos. A Terra foi tomada por uma raça alienígena e Bill Cage (Tom Cruise), um soldado inexperiente que é enviado, sem treinamento ou equipamento, morre em combate, mas leva um dos invasores com ele. Inexplicavelmente Cage acaba preso no tempo, condenado a reviver esta data repetidamente. A cada morte Cage se torna mais forte e adquire mais conhecimento, uma oportunidade de descobrir a chave para a aniquilação dos invasores e salvação da Terra. Cage também contará com o apoio da guerreira Rita Vrataski (Emily Blunt).

Games E3 2014 - Electronic Entertainement Expo A E3, ou Electronic Entertainment Expo, em Los Angeles, foi criada em 1995 com o objetivo de ser o evento definitivo sobre a indústria de games, justamente voltada para a imprensa, representantes de empresas e outras figuras envolvidas. É nela que as empresas, como Sony, Nintendo ou Microsoft, anunciam suas grandes novidades para os anos que se seguem. A E3 serve de palco para revelações de novos consoles, jogos inéditos, iniciativas inovadoras e mais neste sentido. Foi neste evento que tivemos anúncios importantíssimos, como a revelação do primeiro PlayStation, o Sega Saturn, o Virtual Boy, entre outros. Mais recentemente, foi nela que vimos a estreia do PlayStation 3 e do Xbox 360, bem como a de seus sucessores, PS4 e Xbox One. Em 2014 a E3 abre seus portões em junho, com novos games, anúncios imperdíveis e muitas surpresas adicionais aos fãs. O que será que vem por aí?

Fonte: http://www.techtudo.com.br

50

Usina da cultura - Junho 2014


Livros Siddhartha - Hermann Hesse Siddhartha é um romance escrito por Hermann Hesse, um dos maiores escritores alemães. Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura, em 1946. Assim como outras inesquecíveis criações de Hermann Hesse, Siddhartha é uma reflexão sobre a busca da sabedoria que encanta gerações. Fruto de uma viagem à Índia em 1911, foi publicado onze anos depois, em 1922. Siddartha é um espírito rebelde, que seguiu os ensinamentos de Buda, mantendo-se fiel à sua própria alma. O livro trata basicamente a busca pela plenitude espiritual, e o alcance de estados em que a mente humana se encontra absolutamente completa e plena.

Música Queen anuncia álbum póstumo com músicas inéditas de Freddie Mercury O Queen anunciou um novo álbum contendo algumas músicas de Freddie Mercury nunca antes lançadas. O disco deve se chamar Queen Forever e chegar oficialmente às lojas até o fim do ano. Em entrevista concedida à rádio BBC, o guitarrista Brian May revelou que o trabalho é composto por material do início dos anos 80. “É muito emocional. São grandes baladas e sons bastante épicos”, declarou. Vale informar que nos meses de junho e julho, May, Roger Taylor e Adam Lambert (Glee) farão uma turnê do Queen pela América do Norte e Central. Confira as datas e locais dos shows no Blog da Usina.

Agenda cultural Encontre o calendário de eventos da Região no Blog da Usina! Lá tem informação completa sobre os eventos que estão rolando. Quer incluir gratuitamente seu evento no calendário? Envie para info@usinadacultura.com com o assunto “agenda cultural”. Quer acessar e ver todos os eventos que irão acontecer no próximo mês? Visite www.usinadacultura.com Blog // Agenda cultural ou escaneie o código ao lado!


Falando Francamente

* A E I O U Y A sexta vogal e o asteris(ti)co N

outro dia, com a TV ligada, ouvi o comercial de uma operadora de telefonia celular. Nele, um jogador da Seleção Brasileira de Futebol posava para um selfie com o garoto propaganda da marca, enquanto um locutor dizia em off “sei-lá-o-quê, asterístico”. De tudo, foi o que ouvi: “asterístico”. Não sou dos mais letrados, reconheço, mas tem algumas coisas que são básicas. Ainda mais quando se produz uma mídia televisiva que deve ter custado alguns milhares de centenas de reais. Indignado, mandei mensagem ao setor responsável na empresa. É óbvio que não foi respondida. Tenho filhas em idade escolar e, seguidamente me deparo com questionamentos sobre a nossa língua. A resposta mais complicada que tive que dar, numa vez, quando a mais nova estudava fonemas veio depois da pergunta: e o “Y”, é consoante? Ou Vogal? Tive que dar uma pesquisada. Achei na revista Escola: “Y” pode ser considerada vogal, pois conforme o novo acordo ortográfico da Língua Portuguesa, as letras “K”, “W” e “Y” foram incluídas no alfabeto e obedecem às regras gerais que

52

Usina da cultura - Junho 2014

caracterizam consoantes e vogais. Uma das distinções entre vogais e consoantes está na pronúncia: a consoante precisa de uma vogal para formar sílabas e ser pronunciada, e a vogal, não. Ela se basta. Seguindo essas regras, o “Y” é uma vogal, já que foi traduzido do alfabeto grego como I e mantém esse som nas palavras em que é usado, como em ioga. Quando aportuguesada, a palavra originalmente grafada com “Y” passa a ser grafada com “I” - como em iene, moeda japonesa. Mesmo com todas as alterações da Língua, “asterístico” continua sem existir, assim como “mortandela” e outras pérolas.

Franco Vasconcellos e Souza, gaúcho de Erechim, escreve sobre o cotidiano e aceita sugestões dos leitores. Envie e-mail para franco@usinadacultura.com.


Usina design

(54) 3244-1355 info@usinadacultura.com www.usinadacultura.com

Agência de Publicidade A Revista Usina da cultura é um produto da Usina Design, agência de publicidade com sede em São Francisco de Paula, que oferece serviços integrais de comunicação, e atende a todas as necessidades do setor tanto de mídia impressa como eletrônica, e prima pela alta qualidade na execução de seus serviços e pela excelência no trato com o cliente. Veja abaixo alguns dos trabalhos que realizamos:

C

O

N

D

O

M

í

N

I

O

EDITORIAL Livros Revistas catálogos

LOGOTIPO Imagem corporativa

PACKAGING Embalagens Etiquetas

PAPELARIA Folhetos Cartão de visita Pasta Adesivos Agendas....

3D Arquitetura Objetos Mobiliário Maquete eletrônica...

INFORMÁTICA Página web Manutenção Recuperação de dados...

(54) 3244-1355 / info@usinadacultura.com


Escaneie o código acima com alguma aplicação de leitor de código QR, e desfrute lendo a revista em seu dispositivo móvel!


Revista Usina da cultura Junho 2014