Page 1

cmyb

Quinta-feira

01 DE DEZEMBRO DE 2016

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

ANO XXII - N0 3249 - R$ 1,00

www.tribunadovale.com.br

S.A.PLATINA

Incêndios destroem duas casas em menos de nove horas Junior Queiroz

Morador suspeita de incêndio criminoso

Duas casas foram destruídas por incêndios registrados pelo Corpo de Bombeiros ontem, num intervalo de 9 horas, em Santo Antônio da Platina. Na primeira ocorrência por volta das 8 horas, no Jardim Colina Verde, os moradores perderam todos os bens. No período da tarde, pouco depois das 15 horas, outra casa pegou fogo na cidade. Desta vez, a ocorrência foi registrada na rua Vereador David Crespo, no Conjunto Habitacional João Furtado. De acordo com o sargento Gilson Carlos da Silva, uma das moradoras do imóvel 

SAÚDE

PARANÁ

MATRÍCULAS

Queda na transmissão da Aids de mãe para filho PÁG. A6

Forças Armadas vão ajudar o PR no combate à dengue PÁG. A5

Educação alerta sobre prazos para confirmação de vagas

localizado na rua Abrão Dutra da Silva, no Jardim Colina Verde, revelou que o fogo teve início na sala, após um curto-circuito na tomada da televisão. Já a vítima do segundo, acredita que o incêndio em sua casa foi criminoso.A coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) Rosilene Tomaz Moretti iniciou uma campanha de arrecadação para ajudar as vítimas. Quem quiser pode doar roupas, cobertores, móveis e até dinheiro para que a família que teve a casa toda destruída possa alugar um outro imóvel.

PÁG. A4

CMEI BENTÃO

Inaugurada a maior creche de Santo Antônio da Platina

PÁG. A4

Vice-prefeito e secretários representaram o prefeito Pedro Claro; padre abençoou a nova escola

A prefeitura de Santo Antônio da Platina inaugurou ontem, 30, o Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Professor Herivelto, mais conhecido como Cmei Bentão – localizado no Jardim Ângelo, região da Vila Ribeiro. A creche tem capacidade para atender cerca de 120 alunos em período integral. Em obras há anos, o estabelecimento de ensino foi alvo de vândalos duas vezes e custou aos cofres do município mais R$ 20 mil a troca de vidros, lâmpadas e reparos dos estragos. A CMEI fica em um dos bairros mais populosos da cidade e que mais necessita de vagas. O prédio vai atender crianças do berçário aos três anos e será a maior creche da cidade. 

PÁG. A8

S.A.PLATINA

Polícia Militar encontra pé de maconha em casa de garçom

Policiais militares da Rocam e da Rádio Patrulha prenderam na noite de terça-feira, 29, o garçom Gustavo Luís Antônio Marcelino, na rua 1004, no Conjunto Álvaro de Abreu, em Santo Antônio da Platina. Em sua casa, os PMs encontraram diversos produtos sem procedência e um pé de maconha plantado no quintal. Após denúncia anônima, os soldados da equipe de motociclistas da 4ª Companhia, Emerson Santos e Kelmony Vernier foram até o endereço, onde segundo informações estariam escondidos vários produtos de furtos e roubos ocorridos na cidade. 

PÁG. A5

cyan magenta yellow black


A-2 Opinião

TRIBUNA DO VALE

É evidente que os membros do Judiciário e do MP não gostaram da interferência dos deputados. ” Editorial

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

. De reformas legais até mudanças de infraestrutura, o cenário educacional vem buscando se adequar ao tempo presente, em tecnologia, demanda mercadológica e, acima de tudo, à capacidade atualizada do aprendizado.”

A RTIGO

E DITORIAL

Ricardo Althoff

A corrupção e a luta dos poderes A inclusão, pela Câmara dos Deputados, da possibilidade de penalização de juízes, promotores, procuradores e investigadores por abuso de autoridade é, sem dúvida, uma ácida reação dos parlamentares àqueles que hoje representam uma ameaça à classes política através da Lava Jato e de investigações similares. No entanto, o que ocorre, é apenas uma luta de titãs. De um lado, o poderoso Ministério Público Federal propondo via iniciativa popular uma lei que, num momento inicial, ameaça a classe política e, de outro, os parlamentares, que são políticos, reagindo dentro de sua área de atuação institucional. A divergência é resultado do momento conturbado da vida política e social do país. Ministério Público e Judici-

ário encontraram situações concretas de atuação no combate à corrupção e suas ações levaram à prisão de figurões cuja punição era inimaginável, derrubou o governo petista, processa o ex-presidente e ameaça explicitamente 150 ou mais parlamentares cujos nomes teriam sido citados em delações premiadas. Ao mesmo tempo em que os políticos reclamam de perseguição e supostas acusações sem indícios de provas, os investigadores queixam-se de entraves que a legislação impõe ao seu trabalho. Daí o surgimento da proposta das dez medidas contra a corrupção, transformadas no projeto-de-lei que os deputados votaram na madrugada desta quarta-feira e onde incluíram a possibilidade de punição a juízes, promotores,

C HARGE

procuradores e investigadores. É evidente que os membros do Judiciário e do MP não gostaram da interferência dos deputados. Mas também é certo que, se os parlamentares têm o dever de votar o texto, cabe-lhes igualmente o direito de emendá-lo. Aos insatisfeitos restam as opções de fazer gestões modificativas junto ao Senado que brevemente votará a matéria; se ainda descontente, tentar obter o veto presidencial e, na impossibilidade deste, buscar o socorro do Supremo Tribunal Federal que, por seu colegiado, dirá sobre a constitucionalidade da lei. Assim se faz o equilíbrio entre os poderes da sociedade. O injusto é que, como sugerem alguns, por conta dessa divergência entre poderes e poderosos, o povo

seja insuflado a sair às ruas e fazer pressão. Presenciamos no momento uma contenda entre os poderes constituídos. É certo que todos nós, cidadãos, queremos o combate à corrupção e a punição dos corruptos. Também queremos que ninguém seja vítima de denúncia vazia ou infundada. Discutir os limites de atuação de cada ente do poder, não é tarefa para o simples cidadão. Oxalá dessa disputa resulte no aperfeiçoamento das instituições e o pais possa continuar sua saga de mudanças e seriedade administrativa e possa, distante de qualquer dúvida ou questionamento, extirpar da vida pública todos os males que nos têm atrasado ao longo das décadas. O Brasil é maior do que toda a luta e os interesses setoriais...

chargeonline.com.br

A RTIGO José Ricardo Noronha

Marketing de conteúdo e redes sociais revolucionam mundo das vendas

Levantamentos de instituições renomadas, que se dedicam ao estudo das realidades e tendências no fascinante mundo das vendas complexas, vêm trazendo dados cada vez mais substanciais sobre o crescimento de uma nova revolução. Trata-se da chamada “venda social”. De forma bastante resumida, a “venda social” está umbilicalmente relacionada ao perfil do “novo cliente” no mundo das vendas de alta complexidade. Um cliente muito mais informado, exigente e reticente. E, algumas vezes, até arisco aos vendedores das antigas, que ainda não se deram conta de que hoje todos nós, vendedores, dispomos de inúmeros novos meios sociais para estabelecer conexões mais inteligentes com nossos clientes e prospects. Venda social está, portanto, ligada à crucial tarefa de bem utilizarmos as redes sociais para construir diálogos mais próximos, customizados e efetivamente ligados às necessidades e desafios que nossos

clientes têm enfrentado. E está relacionada também à cada vez mais fundamental tarefa de fazer o bom uso dos meios sociais para pesquisar mais sobre nossos clientes, para criar novos canais de prospecção, utilizando, por exemplo, o LinkedIn com maior eficácia. Sem falar no compartilhamento de conteúdos que, de fato, sejam relevantes e atraentes para os públicos que são atendidos por nossas organizações. Dentro deste conceito, podemos destacar o crescimento acelerado das estratégias de marketing de conteúdo. Empresas de diversos portes e indústrias têm dedicado esforços e investimentos cada vez mais substanciais na produção de bons conteúdos que sejam altamente orientados e focados nos problemas, desafios e oportunidades que são enfrentados pelos seus clientes e prospects. Peço também sua especial atenção a outros dados importantes: • Segundo a plataforma In-

TRIBUNA DO VALE

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 Editora Tribuna do Vale LTDA CNPJ 01.037.108/0001-11 Matriz: Mário Marcondes Marques, 38, Vila claro - Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43 3534 . 4114

Ricardo Althoff

Diretor Responsável Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale@tribunadovale.com.br tribunadovale@uol.com.br

fluitive, 84% dos compradores no mundo das vendas consultivas (B2B) têm iniciado seus processos de compra a partir de recomendações; • De acordo com o LinkedIn, 3 entre 4 compradores no mundo das vendas complexas confiam nas mídias sociais para se engajar com pares e amigos sobre suas decisões de compra; • A consultoria Forrester estima que 1 milhão de profissionais de vendas consultivas deverão perder seus empregos até 2020 em virtude de clientes que irão privilegiar o processo de compra via e-commerce; • No mundo das vendas inteligentes e da “venda social”, fazer bom uso de ferramentas como o LinkedIn para pesquisar mais sobre os prospects, de ferramentas de CRM para um melhor e mais disciplinado controle de todas as interações com nossos clientes e também de ferramentas de automação de marketing nunca foi tão essencial quanto agora. Diante de tantos dados

consistentes e até alarmantes, ofereço uma “dica de ouro” para você, que é líder ou profissional de vendas consultivas: inclua as habilidades e competências de mídias sociais e da chamada “venda social” ao ferramental de treinamento e capacitação dos seus colaboradores. O processo de vendas no mundo das vendas consultivas passará cada vez mais pela Internet e pelo emergente poder das recomendações. Quem não dedicar muita atenção a estes pontos pode ficar para trás! Ou melhor: já está ficando! * José Ricardo Noronha é vendedor, palestrante, professor, escritor e consultor. Formou-se em Direito pela PUC/SP e tem MBA Executivo Internacional pela FIA/USP. Possui especialização em Marketing, Empreendedorismo, Empreendedorismo Social e Vendas pela Owen Graduate School of Management e é Professor dos MBAs da FIA. É autor dos livros Vendedores Vencedores e Vendas. Como eu faço? . www.paixaoporvendas.com.br

Representação: MERCONET Representação de Veículos de Comunicação LTDA Rua Dep. Atílio de A. Barbosa, 76 conj. 03 - Boa Vista - Curitiba PR Fone: 41-3079-4666 ¦ Fax: 41-3079-3633 Vendas Assinatura Anual R$ 200,00 Semestral R$ 100,00

Impressão e Fotolito: Editora Tribuna do Vale Fone/Fax : 43 3534 . 4114

Mercado de educação 2017: qual a tendência? O ensino no Brasil tem recebido diversas tentativas de mudança nos últimos tempos. De reformas legais até mudanças de infraestrutura, o cenário educacional vem buscando se adequar ao tempo presente, em tecnologia, demanda mercadológica e, acima de tudo, à capacidade atualizada do aprendizado. Há alguns anos, a Sistema Firjan, órgão que engloba as cinco organizações SESI, SENAI, IEL, FIRJAN e CIRJ, todas focadas no desenvolvimento da indústria, organizou um estudo em todo o país cujo objetivo era prever as perspectivas do uso da tecnologia nas salas de aula nos próximos cinco anos. O trabalho intitulado “As Perspectivas Tecnológicas para o Ensino Fundamental e Médio Brasileiro de 2012 a 2017: Uma Análise Regional do NMC Report” foi realizado em 2012, com previsão até 2017, reuniu 30 especialistas em educação. Ele elencou de que formas a tecnologia estaria cada vez mais presente na sala de aula e com maior papel educacional, mesmo fora dela. Os resultados não podiam ser mais “conectados”. Os próprios alunos já mostram uma forma de aprender que está ligada ao digital, à interdisciplinaridade, à interação. Essa é a característica da geração no que tange ao aprendizado. É preciso abandonar moldes do século XIX, e se atualizar. A prova disso é que muitos cursos já ao menos mesclam práticas EAD - isso quando não são completamente realizados de forma digital. Isso coloca no quadro reflexivo outra questão, a de como os educadores e demais profissionais ligados à educação, estão se utilizando dessa tendência do aprendizado para alavancar suas carreiras, inclusive começando o ano de 2017 com alternativas profissionais que lhes permitam crescimento. Como o empreendedorismo é o zeitgeist de nossa geração, termo alemão que significa o conjunto do clima intelectual e cultural do mundo numa certa época, não seria de se espantar que empreender na educação, nos dias atuais, esteja tão ligado à tecnologia. Usar a familiaridade do nativo digital com os dispositivos móveis, computadores e a própria internet é um importante guia para entender qual a plataforma ideal de atuação empreendedora que vai dialogar com o principal público alvo do setor: o próprio aluno. As plataformas de ensino e reforço online são, sem dúvida, uma alternativa empreendedora para educadores que queiram ampliar sua renda, iniciando sua própria escola na web. A ideia é trocar o ensino puro, pela administração de plataformas que já contam com apoio educacional competente e que possam ser garantidas pelo administrador, dado seu know how. Isso permite o educador lucrar em uma área que lhe é familiar, sem precisar atuar como professor, tendo uma forma paralela de renda, totalmente desvinculada de uma marca ou instituição. Uma marca própria. Além disso, montar a própria empresa em cima de uma plataforma sólida permitiria a esse empreendedor ampliar seu renome como educador. Outra vantagem é a do uso de uma estratégia particular, independente dos modelos de ensino privado existentes, onde ele seria apenas mais um funcionário. Os alunos ganham sempre, principalmente pelo diálogo em seu universo. Mas, muito além, pela primeira vez o educador também ganha de verdade, já que não está subordinado à verbas governamentais ou a uma parcela salarial de uma escola particular que lucra muito mais do que ganha um professor. O ano de 2017 começa com tendências que representam adaptação real ao século XXI. O jeito de educar mudou e é possível que os educadores não fiquem para trás dessa vez. Através de uma resposta ativa à sua área e aos alunos dessa geração digital, o espírito empreendedor pode, enfim, tomar a área da educação e mudar o jogo para educadores de todo o país. Ricardo Althoff é CEO da Seu Professor Empreendedor & Negócios.Sobre a Seu Professor Empreendedor & Negócios: www.seuprofessor.com.br

Circulação: Abatiá ¦ Andirá ¦ Arapoti ¦ Bandeirantes ¦ Barra do Jacaré ¦Cambará ¦ Carlópolis ¦ Conselheiro Mairink ¦ Figueira¦Guapirama ¦ Ibaiti ¦ Itambaracá ¦ Jaboti ¦ Jacarezinho Jaguariaíva ¦ Japira ¦ Joaquim Távora ¦ Jundiaí do Sul ¦ Pinhalão ¦ Quatiguá ¦ Ribeirão Claro ¦ Ribeirão do Pinhal ¦ Salto do Itararé ¦Santana do Itararé ¦ Santo Antônio da Platina ¦ São José da Boa Vista ¦ Sengés ¦ Siqueira Campos ¦Tomazina ¦ Wenceslau Bráz

Filiado a Associação dos Jornais Diário do Interior do Paraná

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.


Geral A-3

TRIBUNA DO VALE

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

Municípios têm dificuldades para colocar todas as crianças de 4 e 5 anos na pré-escola TCENa região, apenas Curiúva foi visitada pelos técnicos do Tribunal de Contas Da Assessoria

Auditoria realizada pelo Tribunal de Contas em 40 municípios, de todas as regiões do Paraná, concluiu qu e ap e nas 3 2 , 5 % d el e s conseguiram atender completamente, neste ano, a obrigação de universalizar o acesso à pré-escola às crianças entre quatro e cinco anos – conforme estipula a Meta 1 do Plano Nacional de Educação (PNE). A auditoria, que integrou o Plano Anual de Fiscalização (PAF) do TCE-PR em 2016, também apontou ineficiência no planejamento e deficiências na estrutura física das escolas e no quadro de pessoal para ofertar educação infantil na rede municipal de ensino. Os 40 municípios alvos da auditoria têm população entre 5 mil e 50 mil habitantes. Desse total, 30 encontram-se em situação d e mau d e s e mp e n ho na educação, de acordo com sete indicadores previamente compilados pelo TCE-PR. Os outros 10 municípios auditados estão na lista de bom desempenho na educação, segundo os mesmos indicadores. Entre 13 de junho e 7 de outubro, 27 analistas de controle, de seis diferentes unidades técnicas, com formação profissional multidisciplinar, percorreram 24.400 quilômetros para fazer pessoalmente as inspeções. A equipe avaliou três grandes áreas relacionadas à educação infantil: planejamento, espaço físico e pessoal. Além da universalização da pré-escola, que busca o atendimento imediato de um direito das crianças – frequentar as aulas a partir dos quatro anos –, a auditoria verificou a preparação dos municípios para atender uma meta de médio prazo: a prog ressiva ampliação de vagas em creches, de crianças até três anos. Nesse ponto, o objetivo do PNE é

atender 50% da demanda até 2024. Os técnicos analisaram a situação de 306 escolas de educação infantil – e visitaram 242 escolas delas. Avaliaram a estrutura física dessas escolas e entrevistaram secretários municipais de educação, coordenadores pedagógicos, professores e servidores. Conclusões A auditoria conclui que apenas 13 dos 40 municípios visitados atingiram a meta de universalizar o acesso à pré-escola às crianças entre quatro e cinco anos. O número representa 32,5% do total. Os municípios que cumpriram a meta foram: Candói, Douradina, Doutor Camargo, Floraí, Itambé, Mallet, Mandaguaçu, Marilena, Nova Olímpia, Sabáudia, Paraíso do Norte, Santa Fé e Mangueirinha. Outra conclusão da auditoria foi de que, na média, os 30 municípios com baixo desempenho educacional possuem três características comuns: grande extensão territorial, maior população rural e maior percentual de habitantes ocupados em atividades agropecuárias. Por outro lado, os municípios com alto desempenho apresentam melhor distribuição de renda (medido pelo Índice de Gini) e menor percentual da população ocupada em atividades agropecuárias. Entre as causas que dependem da adoção de ações governamentais e que contribuíram para o não cumprimento da meta pelos demais municípios, a equipe de auditoria apontou falta de estudos para avaliar o impacto econômico da universalização; falta de acompanhamento das metas previstas no Plano Municipal de Educação; ausência de controle e de publicação da demanda manifesta (elaborada a partir da procura espontânea por vagas pelas famílias); e inexistência ou deficiência dos procedimentos de busca ativa (ações para localizar e

Antônio de Picolli

Técnicos analisaram a situação de 306 escolas de educação infantil

matricular crianças na rede municipal). Busca ativa e demanda manifesta Fundamental para o planejamento de recursos e de estrutura que permitam a efetiva oferta da educação infantil, uma busca ativa eficiente deve ser feita em várias frentes: visitas domiciliares – especialmente em áreas rurais ou com população mais vulnerável –, ações integradas entre secretarias municipais e utilização de bases de dados nacionais e estaduais, especialmente o Cadastro Único, utilizado pelo governo federal para o pagamento do Bolsa Família e de outros programas sociais. A auditoria comprovou que os municípios, principalmente os com baixo desempenho na educação infantil, não realizam todos os procedimentos de busca at iva ao s eu a lcance. “A deficiência desses procedimentos é uma típica falha de gestão, uma vez que não se trata de instaurar novas

estruturas ou despesas, mas simplesmente gerenciar melhor as informações que já são colhidas por outras esferas da administração municipal”, afirma o analista de controle Guilherme Vieira, gerente do PAF-Educação. S e g u n d o a au d it or i a , 66% dos municípios com baixo desempenho ou não organizam a fila de espera para a educação infantil ou não observam os critérios de priorização necessários. No grupo de municípios com alto desempenho, a situação é inversa: 70% nem possuem fila de espera. Cerca de 40% dos municípios sequer anotam o endereço das crianças que aguardam vagas e 52% não registram qual a escola de preferência dos pais para matricular as crianças. Apenas 17 das 40 prefeituras ava li ad as elaboraram Plano de Ação para atender seus Planos Municipais de Educação e a Meta 1 do PNE. Instalações e pessoal Em relação à estrutura física destinada à educação

infantil, a auditoria constatou número de unidades insuficiente para atender a demanda, instalações inadequadas e com falta de manutenção. Das 306 escolas analisadas, 78% possuem licença da Vigilância Sanitária, enquanto apenas 6% apresentaram licença junto ao Corpo de Bombeiros. Os auditores também verificaram a existência de obras paradas em muitas escolas. Em relação ao quadro de pessoal, a principal falha é o número insuf iciente de profissionais. Embora 52% dos municípios auditados tenham ultrapassado o limite de despesa com servidores estipulado pela Lei de Responsabilidade Fis cal (L ei C omplementar nº 101/2000), isso não pode ser visto como fator determinante para a falta de pessoal. “Os municípios de vem considerar que a s olu ç ã o d e ss e probl e m a envolve toda a administração”, afirma a coordenadora operacional do PAF 2016, Denise Gomel.

Na área de pessoal, os pontos positivos verificados foram o elevado comprometimento dos profissionais com a educação infantil e o respeito, pelas administrações, dos requisitos mínimos de qualificação desses profissionais. NA EDUCAÇÃO INFANTIL Visitas a 40 municípios realizadas entre 13 de junho a 7 de outubro: Antonina, Cândido de Abreu, Candói, Capitão Leônidas Marques, Cerro Azul, Cruz Machado, Curiúva, Douradina, Doutor Camargo, Floraí, General Carneiro, Guaraqueçaba, Imbaú, Imbituva, Inácio Martins, Ipiranga, Itambé, Ivaí, Jaguariaíva, L aranjal, Mallet, Mandaguaçu, Mangueirinha, Marilena, Nova Olímpia, Ortigueira, Palmital, Paraíso do Norte, Pinhão, Piraí do Sul, Quedas do Iguaçu, Rebouças, Reserva, Rio Branco do Sul, Sabáudia, Santa Fé, Santa Maria do Oeste, São Jerônimo da Serra, São João do Triunfo e Teixeira Soares.

AVANÇOS

Paraná vai adotar sistema online de segunda opinião para auxiliar médicos AEN

O governador Beto Richa formalizou ontem, quarta-feira (29), em Foz do Iguaçu, a parceria com a empresa inglesa British Medical Journal, responsável por um sistema inovador de segunda opinião na área da saúde. Ao todo, o Estado deve investir no período de dois anos R$ 1,7 milhão na iniciativa, qu e ag re g a te c nol o g i a e conhe cimento científ ico internacional ao atendimento na rede pública. A previsão é que a nova ferramenta digital esteja disponível já a partir do início do ano que vem. O objetivo é garantir suporte técnico online aos médicos, enfermeiros e demais profissionais que atuam em unidades de saúde, hospitais e centros de especialidades do Paraná. O s e cret ár io est adu a l

da Saúde, Michele Caputo Neto, explica que a princip a l f unç ão do sistema é tirar dúvidas dos profissionais e auxiliá-los na tomada de decisão frente aos casos atendidos no dia a dia. "Esta será uma ferramenta importante de apoio à s n o s s a s e q u i p e s . Pe l a internet, eles terão acesso a um vasto banco de dados com evidências científicas que os ajudarão a fechar diag nóst icos diferencias e indicar o tratamento de seus pacientes", revelou. MÓDULOS Conhecido como BMJ Best Practice, este sistema de segunda opinião técnica já é utilizado por mais d e 3 5 0 m i l usu ár i o s e m 60 países. Criado a partir do conceito da medicina baseada em evidências, ele aprox i ma o prof iss i ona l d e s aú d e a o s c onte ú d o s científicos mais atuais publicados no mundo.

Caso o banco de dados do sistema não satisfaça as necessidades do usuário para o atendimento de um paciente, haverá a possibi lid ade do prof issiona l enviar sua dúvida à equipe da BMJ. A demanda será encaminhada para os especialistas da empresa que avaliarão o caso e responderão rapidamente. Outro recurso do sistema on line é volt ado à educação permanente dos profissionais. O BMJ Learning é a plataforma de ensino à distância, composto por mil módulos de aprendizagem sobre as mais variadas doenças e condutas clínicas. À medida que o usuário vai cumprindo etapas da capacitação, ele p o d e re qu e re r i nclus ive certificados de conclusão de curso emitidos pela Sociedade Brasileira de Medicina Geral e Familiar (SBMFC).

De acordo com a Gerente Estratégica BMJ, Rita Lírio, o sistema é extremamente funcional e traduzido para o português. "Os

Investir em educação permanente é nosso compromisso. Estrutura física, equipamentos e recursos financeiros são importantes”

módulos de aprendizagem t r a z e m i n for m a ç õ e s d i d át i c a s e m t e x t o, v í d e o e á u d i o. Tu d o b a s e a d o em evidências científicas, com tópicos escritos por e sp e c i a l ist as re c on he c i -

dos internacionalmente", revelou. O contrato do Estado com a BMJ tem duração de dois anos. A empresa tem a contrapartida de atualizar os conteúdos constantemente, mantendo o sistema sempre atual e com informações que acompanhem os avanços da medicina. ACESSOS Inicialmente, o Paraná vai disponibilizar pelo menos 180 mil acessos à plataforma para 50 mil profissionais da rede pública de saúde. A prioridade são aqueles que atuam na área de atenção primária dos municípios e nos hospitais da rede própria estadual. Para o superintendente de Atenção à Saúde, Juliano Gevaerd, o investimento em uma tecnologia como esta demonstra o valor que o Estado dá aos profissionais que atuam na ponta do sistema de saúde. "Investir

em educação permanente é nosso compromisso. Estrutura física, equipamentos e recursos financeiros são i mp or t ant e s . Ma s qu e m realmente faz a diferença no atendimento à saúde da população são estes profissionais", enfatizou. Nesta semana, o sistema foi apresentado a representantes de diversas entidades ligadas à área da saúde, como o Conselho Regional de Medicina (CRM-PR), Conselho Regional de Enfermagem (COREN-PR), Associação Brasileira de Enfermagem - Seção Paraná (ABEN-PR), Conselho d e S e c r e t a r i a s Mu n i c i pais de Saúde do Paraná (COSEMS) e a Sociedade Brasileira de Medicina da Família. A intenção foi buscar alternativas para aperfeiçoar a plataforma e adaptá-la à realidade dos profissionais paranaenses.


A-4 Cidades

TRIBUNA DO VALE

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

Incêndios destroem duas casas em menos de nove horas

SANTO ANTÔNIO DA PLATINA No Jardim Colina Verde, moradores perderam tudo Júnior Queiroz

Casa ficou completamente destruída; moradores precisam de ajuda Luiz Guilherme Bannwart

Duas casas foram destruídas pelas chamas em dois incêndios registrados pelo Corpo de Bombeiros num intervalo de 9 horas, em Santo Antônio da Platina, ontem. Na primeira ocorrência por volta das 8 horas, no Jardim Colina Verde, os moradores perderam todos os bens. De acordo com o sargento Gilson Carlos da Silva, uma das moradoras do imóvel localizado na rua Abrão Dutra da Silva o revelou que

o fogo teve início na sala, após um curto-circuito na tomada da televisão. No entanto, somente uma perícia poderá revelar as causas do incêndio. Duas equipes do Corpo de Bombeiros trabalharam no combate às chamas por m ai s d e u m a h or a , m a s nada puderam fazer para evitar a destruição total do imóvel. Nenhum dos moradores se feriu. No p er ío do d a t arde, pouco depois das 15 horas, outra casa pegou fogo na cidade. Desta vez, a ocor-

rência foi registrada na rua Vere ador D avid Cresp o, no Conjunto Habitacional João Furtado. Segundo o proprietário da residência, o incêndio pode ter sido criminoso. Ele contou que na semana passada foi vítima de uma tentativa de homicídio por disparo de arma de fogo, e que as ameaças continuaram. Hélio Martins Ribeiro foi orientado a registrar um boletim de ocorrência e informar a Polícia Civil sobre a suspeita para que o caso seja investigado.

Júnior Queiroz

Curto-circuito pode ter provocado o incêndio no Jardim Colina Verde

C on for me o s arge nto Gilson Carlos da Silva, o

incêndio foi rapidamente controlado, o que evitou

a destruição total da residência. Ninguém se feriu.

Família vítima de incêndio precisa de doações A família que foi vítima do incêndio, ontem, 30, no Jardim Colina Verde – em Santo Antônio da Platina – precisa de doações. A coordenadora d o C e nt ro d e R e fe rê n cia Especializado de Assistência Social (Creas) Rosilene Tomaz Moretti iniciou uma campanha de arrecadação para ajudar as vítimas e tentar recuperar o que foi perdido na tragédia. Na casa, morava um casal com três crianças e uma adolescente. Rosilene conta que foram salvas apenas algumas p eças de roupas

e alguns vizinhos foram solidários em ajudar com algumas contribuições. “A secretaria providenciou doação de alimentação, mas, a família morava de aluguel e precisa ir para a l g u m lu g ar c om e s t a s crianças, portanto, pedimos a ajuda da comunidade para pelo menos eles consigam o valor de um aluguel (cerca de R$ 200) para que possam alugar outro imóvel”, explicou. Quem não tiver condições de ajudar com dinheiro, pode fazer qualquer tipo de caridade, mas principalmente, doar colchões

e cob er tores. A família vai pre cis ar de roup as, móveis e eletrodomésticos para se reestruturar depois dos estragos. “Estamos pedindo para que a comunidade seja solidária neste momento tão difícil. Este é o terceiro incêndio em menos de uma semana que precisamos ajudar, e o que mais entristece é ver as crianças passando por tamanha dificuldade”. Os interessados em fazer as doações podem procurar a equipe do Creas na rua Vereador José Ritti – antigo prédio da Guarda Mirim – na Vila Ribeiro.

 ANO LETIVO

Educação alerta sobre prazos para confirmação de vagas e matrícula AEN

O prazo para confirmação da vaga/matrícula para o ano letivo de 2017 os estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental e do 1º ano do Médio vai até o dia 02 de dezembro (sexta-feira). Segundo o cronograma definido pela Secretaria de Estado da Educação, nesse mesmo período serão feitas as matrículas iniciais nas escolas de educação básica na modalidade Educação Especial. Caso os pais e estudantes tenham alguma dúvida, devem procurar a escola mais próxima de casa. É o que orienta a superintendente d a E duc aç ão, Fabiana Campos. “É muito imp or t ante le var os documentos, como certidão de nascimento da criança, identidade e comprovante

de endereço, normalmente a fatura de energia com uma data recente”, ressalta a superintendente. NOVAS MATRÍCULAS - Entre os dias 5 e 9 de dezembro, a Secretaria de Estado da Educação fará o levantamento das vagas que sobraram para serem ofertadas para novas matrículas. Já entre 12 e 16 de dezembro, os alunos de todas as s ér ies e mo dalidades de ensino, de outras redes de ensino, de outros municípios ou estados podem fazer a solicitação de vagas. O cadastramento para espera de vagas será no dia 22 de dezembro. O cronograma segue a Instrução Normativa Conjunta nº 001/2016, resultado do trabalho integrado d a Sup e r i nte nd ê nc i a d a Educação (Sued) e da Supe-

rintendência de Desenvolvimento Educacional (Sude) da Secretaria Estadual da Educação. Para acessar a instrução d e mat r í c u l a e d e t a l he s sobre os documentos necessários acessewww.educacao. pr.gov.br/arquivos/File/instrucoes/instrucao_matriculas_2017.pdf CONFIRA OS PRAZOS: De 28/11 a 02/12: confirmação da vaga/matrícula para os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental e 1º ano do Ensino Médio De 12 a 16/12: alunos de todas as séries e modalidades de ensino, de outras redes de ensino, outros municípios ou estados podem fazer a solicitação de vagas na rede pública do Paraná A partir de 22/12: cadastramento para espera de vaga escolar.


Geral A-5

TRIBUNA DO VALE

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

PM encontra pé de maconha e mercadorias em casa de garçom S.A.PLATINAPoliciais também trocaram tiros com suspeito que foi visto nas proximidades, mas o homem fugiu Luiz Guilherme Bannwart

Policiais militares da Rocam e da Rádio Patrulha prenderam na noite de terça-feira, 29, o garçom Gustavo Luís Antônio Marcelino, na rua 1004, no Conjunto Álvaro de Abreu, em Santo Antônio da Platina. Em sua casa, os PMs encontraram diversos produtos sem procedência e um pé de maconha plantado no quintal. Após denúncia anônima, os soldados da equipe de motociclistas da 4ª Companhia, Emerson Santos e Kelmony Vernier foram até o endereço, onde segundo informações estariam escondidos vários produtos

de furtos e roubos ocorridos na cidade. Próximo ao local, os policiais encontraram um suspeito de envolvimento nos últimos assaltos registrados pela PM no município, o qual ao avistar a equipe fugiu correndo a pé. Durante perseguição, o suspeito efetuou um disparo de arma de fogo contra os soldados, que revidaram. O homem, no entanto, conseguiu escapar. Na casa do garçom, os policiais encontraram uma televisão, um notebook, um secador de cabelo, além de outros produtos suspeitos. Questionado sobre a procedência das mercadorias, Marcelino disse aos PMs

Divulgação PM

Além do pé de maconha, policiais encontraram mercadorias de procedência suspeita

que teria comprado de um homem que não conhece pelo valor de R$ 200. O garçom recebeu voz de

prisão pelo crime de receptação, e foi encaminhado à 38ª Delegacia Regional de Polícia. A autoridade poli-

cial de plantão, no entanto, registrou um Termo Circunstanciado pela prática de droga para uso pessoal,

e aguarda pelo comparecimento de possíveis vítimas para o reconhecimento dos produtos apreendidos.

 PARANÁ

 MOBILIZAÇÃO

Forças Armadas vão ajudar o Exportações avícolas para a Paraná no combate à dengue China crescem 90% em um ano

FAEP

Forças Armadas ajudarão no combate à dengue com palestras e outras ações AEN

O Pa r a n á v a i c o nt a r nesta sexta-feira (02) com ajuda das Forças Armadas para as ações do Dia de Mobilização Nacional Contra o Aedes aegypti. A data serve para incentivar a intensificação das mobilizações de combate ao mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. “Com a chegada do verão e o período de chuvas, o ambiente fica mais propício para o mosquito. Para evitar que novas epidemias ocorram, contamos com a ajuda de todos para reduzir a infesta-

ção e, consequentemente, o número de casos das doenças causadas pelo vetor”, diz a chefe do Centro de Vigilância Ambiental da Secretaria da Saúde, Ivana Belmonte. Em Cur it ib a e reg i ão metropolitana, o Comando da Artilharia Divisionária da 5ª Divisão de Exército vai pôr à disposição dois mil militares. Eles farão palestras educativas e ações de combate ao mosquito em 20 escolas de Curitiba, São José dos Pinhais e Paranaguá. A ação vai atingir mais de três mil alunos das redes estaduais, municipais e particulares de ensino. Além das

ORIENTADOR DE ATIVIDADES – Alfabetização / Letramento Vaga nº 184/16 para Santo Antônio da Platina Pré-requisitos: Ensino Superior Completo ou Cursando em Licenciatura em Pedagogia Prazo Inscrição de 30/11/16 a 19/12/2016 Acesse www.sescpr.com.br/trabalhe-conosco verifique os pré-requisitos e inscreva-se.

escolas, o Exército também ficará responsável pela eliminação de focos do Aedes aegypti em diversos órgãos de administração militar, como vilas residenciais, clubes recreativos e outros. Santo Antônio da PlatinaEm Santo Antônio da Platina, a mobilização ocorrerá no sábado, 3, com mutirão de recolhimento de lixo que pode servidor de criadouro do mosquito. Os agentes de saúde vão entregar sacos de lixo para os moradores dos bairros visitados. O departamento de Epidemiologia divulga amanhã a programação da ação. B O L E T I M – O n ov o informe técnico divulgado nesta terça-feira (29) pela Secretaria estadual da Saúde confirma 217 casos de dengue desde agosto deste ano. Desses, apenas 27 são importados, os outros 190 são autóctones, ou seja, que a infecção ocorreu dentro do próprio Estado. O boletim também confirma cinco casos de chikungunya no Paraná, sendo um autó c tone. São dois casos na cidade de São João, na região sudoeste; um caso autóctone em Mercedes, no oeste paranaense; um em Santa Helena, também na região oeste; e um em Curitiba. Mais informações estão disponíveis em www. dengue.pr.gov.br.

Avicultura paranaense tem um dos melhores controles de sanidade do mundo FAEP

O consumo externo da carne de frango continua em alta. Segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), vinculada ao Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), as exportações avícolas do Paraná para a China, um dos principais parceiros do agronegócio brasileiro, aumentaram 90% em um ano. Até outubro de 2016, foram

embarcadas 188 mil toneladas de carne de frango para o país oriental, contra 98 mil toneladas enviadas até o mesmo mês do ano passado. “A avicultura paranaense tem um dos melhores controles de sanidade do mundo. Isso, aliado a nossa qualidade, nos permite comercializar com mais de 160 países. As empresas paranaenses têm muita responsabilidade nestes pontos”, explica o presidente do Sindicato das

Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar), Domingos Martins. Ainda de acordo com dados do Sindiavipar, os números de abate acompanham o progresso. No acumulado de 2016, até outubro, foram abatidas 1,47 bilhão de cabeças de frango no estado. Número 5,9% maior se comparado ao mesmo período do ano passado, quando a produção foi de 1,39 bilhão.


A-6 Geral

TRIBUNA DO VALE

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA AMBIENTAL SIMPLIFICADA RAFAEL RODRIGUES DA SILVA, CPF: 900.095.929-20, torna público que recebeu junto ao IAP (Instituto Ambiental do Paraná) a Licença Ambiental Simplificada para atividade de Piscicultura, localizada na fazenda Jaboticabal, bairro Ponte Preta no município de Conselheiro Mairinck/PR. SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO ALAN ERIC RIBEIRO & CIA. LTDA. ME, CNPJ. 16.796.988/000268. Torna público que RECEBEU do IAP (Instituto Ambiental do Paraná) a licença de instalação e REQUER a licença de operação para atividade de serraria com desdobramento de madeira, localizado na estrada municipal, bairro Belo horizonte no município de Jacarezinho/PR. PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ – PARANÁ AVISO DE LICITAÇÃO O MUNICÍPIO DE ABATIÁ – ESTADO DO PARANÁ TORNA PÚBLICO QUE FARÁ REALIZAR LICITAÇÃO NA MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL SRP Nº 032/2016, QUE TEM POR OBJETO “REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURA E EVENTUAL AQUISIÇÃO DE 02 (DOIS) VEÍCULOS LEVES COM AS SEGUINTES CARACTERÍSTICAS: 01 (UM) VEÍCULO MODELO PASSEIO; CAPACIDADE PARA 05 (CINCO) PASSAGEIROS; MOTOR COM POTÊNCIA MÍNIMA DE 70 (SETENTA) CV UTILIZANDO COMBUSTÍVEL ETANOL OU GASOLINA; NOVO/ ZERO KM; ANO/MODELO 2016/2017; GARANTIA MÍNIMA DE 12 (DOZE) MESES, COM VALOR MÁXIMO DE R$ 36.000,00 (TRINTA E SEIS MIL REAIS), E 01 (UM) VEÍCULO MODELO UTILITÁRIO (PICK UP); CAPACIDADE MÍNIMA DE 04 (QUATRO) PASSAGEIROS; MOTOR COM POTÊNCIA MÍNIMA DE 85 (OITENTA E CINCO) CV UTILIZANDO ETANOL OU GASOLINA; NOVO/ZERO KM; ANO/ MODELO 2016/2017; GARANTIA MÍNIMA DE 12 (DOZE) MESES, COM VALOR MÁXIMO DE R$ 60.000,00 (SESSENTA MIL REAIS), CONFORME ESPECIFICAÇÕES CONSTANTES DO ANEXO I DO EDITAL”. AS PROPOSTAS (ENVELOPES “A”) E DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO (ENVELOPES “B”) SERÃO RECEBIDAS PELO PREGOEIRO E EQUIPE DE APOIO ATÉ AS 09:00 (NOVE) HORAS DO DIA 15 (QUINZE) DE DEZEMBRO DO ANO DE 2016, [15/12/2016], NO EDIFÍCIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIA – PARANÁ, SITUADO À AVENIDA JOÃO CARVALHO DE MELLO, Nº 135 – ABATIA – PR. A ABERTURA DOS ENVELOPES “A” E “B” OCORRERÁ NO DIA 15 (QUINZE) DE DEZEMBRO DO ANO DE 2016, [15/12/2016], ÀS 09:00 (NOVE) HORAS NO EDIFÍCIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIA – PARANÁ, SITUADO À AVENIDA JOÃO CARVALHO DE MELLO, Nº 135 – ABATIA – PR. A ÍNTEGRA DO EDITAL E OUTRAS INFORMAÇÕES PODERÃO SER OBTIDAS NA PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ, NO ENDEREÇO ACIMA MENCIONADO, EM HORÁRIO DE EXPEDIENTE DAS 8:00 ÀS 11:30 E DAS 13:00 ÀS 16:30 HORAS, PELO TELEFONE (43) 3556-1545 OU PELO SITE www. abatia.pr.gov.br. EDIFÍCIO DA PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ABATIA- PR, EM 29/11/2016. MARIA DE LOURDES FERRAZ YAMAGAMI PREFEITA MURILO JOSÉ DA SILVA PREGOEIRO DO MUNICIPIO SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Fabio Gomes Castilho e outros torna público que irá requer ao IAP, a Licença de Instalação de aviário para corte, Integração JBS a ser implantada no Sítio Santo Antônio, Bairro do Moquém no Município de Quatigua- PR AVISO DE LICITAÇÃO 8/2016 Objeto: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa especializada para o fornecimento de materiais elétricos, conforme especificações constantes do Anexo I do Edital. Valor Máximo: R$ 13.018,84 (treze mil e dezoito reais e oitenta e quatro centavos). Modalidade: Tomada de Preços nº 8/2016 – Processo Licitatório nº 88/2016 Cadastro Prévio: Até às 17h00 do dia 14 de dezembro de 2016. Entrega dos Envelopes: Até às 8h30min do dia 16 de dezembro de 2016. Abertura dos Envelopes: A partir das 9h00min do dia 16 de dezembro de 2016. Local: Câmara Municipal de Jacarezinho – Rua Coronel Baptista, 335, 1º andar – Centro, Jacarezinho PR. Informações Complementares: O Edital e demais informações encontram-se à disposição dos interessados junto à Comissão Permanente de Licitações, na Secretaria da Câmara Municipal, no site http://www.jacarezinho.pr.leg.br/ e também por meio do telefone (43) 3527 1919 ou pelo e-mail compras.licitacao@cmj.pr.gov.br. Jacarezinho/PR, 30 de novembro de 2016. ELISÂNGELA DIONÍSIO Presidente da Comissão Permanente de Licitações

O Excelentíssimo Senhor Doutor Julio Cezar Vicentini, Juiz de Direito desta Única Vara Cível e Anexos da Comarca de Ribeirão do Pinhal, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, etc... FAZ SABER, a todos quanto este edital de citação, expedido nos autos de USUCAPIÃO, autuado neste Juízo sob nº: 0002809-07.2014.8.16.0145 em que figura como requerente EVERSON ADALBERTO DE OLIVEIRA, brasileiro, solteiro, funcionário público, inscrito no RG 6.949.473-0 SSP.PR e no CPF 020.946.459-32, residente e domiciliado a Rua Udelzira dos Santos Souza, nº 19, Vila Nova, no Município de Abatiá, nesta e Comarca de Ribeirão do Pinhal/PR, virem ou dele tomarem conhecimento, principalmente os herdeiros da pessoa cujo nome está registrado o imóvel, qual seja INÁCIO DA SILA, brasileiro, solteiro, falecido em 10.07.2012, deixando como herdeiros seus pais MARIA APARECIDA TEIXEIRA SILVA e BENEDITO INACIO DA SILVA, os réus em lugar incerto e os eventuais interessados, terceiros ausentes e incertos e desconhecidos, sucessores e herdeiros, e ainda os herdeiros e sucessores, que ficam os mesmos CITADOS para que, querendo, contestarem o feito no prazo de 15 (quinze) dias, nos termos do artigo 259, inciso I, do Código de processo Civil. Tendo o imóvel usucapiendo a seguinte descrição: “Inicia-se o caminhamento pelo lado direito do lote '06', distando 60,00m (Setenta Metros) da esquina, entre a Rua Udelsira dos Santos Souza com Rua Sebastião S. Nogueira, com medidas, divisas e confrontações como seguem: a partir do marco 01, segue em linha reta confrontando com Rua Udelsira dos Santos Souza, a extensão de 10,00m (Dez Metros, até encontrar o marco 02, deflete-se em um ângulo de 90° a direita e segue confrontando pela esquerda. com Terras de Osvaldo Domingues Ferreira. Lote "08", numa distância de 20,00m (Vinte Metros), até encontrar o marco 03, deflete-se em um ângulo de 90° a direita, e segue confrontando aos fundos com Terras de Otacilio Alcantara, Lote '20", numa distância de 10,00m (Dez Metros), até encontrar o marco 04, deflete-se em um ângulo de 90° a direita e segue-se confrontando com Terras de Francisco Ribeiro Ferreira, Lote "06" numa distância de 20,00m (Vinte Metros) até encontrar o marco 01, onde se deu o início do caminhamento. Dessa forma fechando o polígono com área de 200,00m2 (Duzentos Metros Quadrados). Contendo benfeitoria, sendo uma edificação de alvenaria de tijolos com área de 77,64 m2, coberta de telhas cerâmicas”. Tudo de conformidade com a inicial e despacho judicial nos autos. ADVERTÊNCIA: Não sendo contestada a ação no prazo legal, presumir-se-ão aceitos como verdadeiros os fatos articulados na inicial. E para que chegue ao conhecimento de todos os interessados e ninguém possa alegar ignorância expediu-se o presente edital, que será publicado na forma da Lei e afixado no átrio do Fórum, nesta cidade e Comarca de Ribeirão do Pinhal 28 de novembro de 2016. Eu __________, Estela Cristina dos Santos – Auxiliar de Cartório (Autorizada pela Portaria 21/2016) que o digitei. Julio Cezar Vicentini Juiz de Direito

1

Autos 2809-07.2014.8.16.0145 USUCAPIÃO

Documento assinado digitalmente, conforme MP nº 2.200-2/2001, Lei nº 11.419/2006, resolução do Projudi, do TJPR/OE Validação deste em https://projudi.tjpr.jus.br/projudi/ - Identificador: PJS3U ZP88E P8YRM 3T5D3

EDITAL DE CITAÇÃO – Prazo de 30 (trinta) dias

DIA MUNDIAL DE COMBATE Nos últimos seis anos, houve redução de 36% na transmissão vertical da infecção. Novo boletim epidemiológico, indica que 827 mil pessoas vivam com HIV/Aids no Brasil

Blog da Saúde

Ministério da Saúde

A taxa de detecção de Aids em menores de cinco anos caiu 36% nos últimos seis anos, passando de 3,9 casos por 100 mil habitantes, em 2010, para 2,5 casos por 100 mil habitantes, em 2015. A taxa em crianças dessa faixa etária é usada como indic ador p ara monitoramento da transmissão vertical do HIV. Os dados são do novo Boletim Epidemiológico de HIV e Aids de 2016, divulgado na quarta-feira (30) pelo Ministério da Saúde, por ocasião do Dia Mundial d e Lut a C ont r a a A i d s , c el ebr a d o e m 1 º d e d e z embro. Na s ol en i d a de, realizada em Brasília, também foi lançada certificação para municípios que cons eguirem eliminar a transmissão vertical. “A redução de 36% na transmissão de mãe para filho foi possível graças a ampliação da testagem, que promovemos nos últimos anos, aliados a o re forç o na ofe r t a d e medicamentos para as g e s t a n t e s ”, e x p l i c o u o ministro Ricardo Barros, nesta quarta-feira. Para incentivar o engajamento dos municípios no combate à transmissão vertical, o Ministério da Saúde está instituindo, com os estados, um selo de Certificação da E l i m i n a ç ã o d a Tr a n s miss ão Ver t ica l de HIV e/ou Sífilis no Brasil. Te n d o c o m o b a s e u m a adaptação de critérios já estabelecidos pela Orga-

Com os cuidados certos, transmissão vertical vem diminuindo

n i z a ç ã o Pan - A m e r i c an a da Saúde (Opas), a certificação será concedida a municípios cujas taxas de detecção de Aids em menores de 5 anos sejam iguais ou inferiores que 0,3 para cada mil crianças nascidas vivas e proporção menor ou igual a 2% d e c r i a n ç a s c om at é 1 8 meses. Serão certificados, prioritariamente, os municípios com mais de 100 mi l habit antes. A cer t ificação será emitida por um Comitê Nacional, em parceria com estados, que fará a verificação local dos parâmetros. Os municípios receberão certificação no ano que vem, no Dia Mundial de Luta contra Aids. A estratégia conta com o apoio da Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância); Unaids (Programa C onjunto das Nações Unidas sobre HIV/aids no Brasil)

e OPAS. A diretora do UNAIDS Brasil, Georgiana Braga-Orillard, elogiou a queda das taxas de transmissão vertical. “ O caminho para o fim da epidemia, é o início da vida sem HIV e aids. Os dados apres e nt a d o s p el o Br a s i l n a re du ç ã o d a t r ans m iss ã o vertical são parte do trabalho de enf rentamento da situação em todo o mundo”, obser vou a diretora da entidade, durante a solenidade de apresentação dos dados. Segundo ela, desde 2000 até hoje, a qu e d a d a t r ans m iss ã o vertical evitou a morte de 1,6 milhão de bebês, em todo o mundo. De acordo com o novo b oletim, 827 mil p ess oas vivem com HIV/aids. Outro dado expressivo que consta no novo B oletim é a queda 42,3% na mortalidade em 20 anos.

Sindicato Rural de Ibaiti Filiado a Federação da Agricultura do Estado do Paraná Órgão Sindical de 1º Grau- Lei nº 4214 de 03/03/63 Carta Sindical de 21/03/66 Rua Vereador Jose de Moura Bueno, 346 Sala -A – Fone 043 – 3546-5174- CEP 84.900-000 – IBAITI – PR CNPJ – 78.054.459/0001-65

Sindicato Rural de Ibaiti EDITAL DE REGISTRO DE CHAPA Gestão: 18/02/2017 a 17/02/2020 Em cumprimento ao disposto no estatuto desta entidade, comunico que foi registrada a chapa seguinte, como concorrente à eleição a que se refere o edital de convocação, publicado no dia 11 de Novembro de 2016 neste jornal.

PROJUDI - Processo: 0002809-07.2014.8.16.0145 - Ref. mov. 110.1 - Assinado digitalmente por Julio Cezar Vicentini:16901 29/11/2016: EXPEDIÇÃO DE EDITAL/CITAÇÃO. Arq: EDITAL DE CITAÇÃO

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO PARANÁ CARTÓRIO DA VARA CÍVEL DA COMARCA DE RIBEIRÃO DO PINHAL Rua Marcionilio Reis Serra 803 – Centro – Tfax: (043)3551-25-44

Brasil registra queda na transmissão da Aids de mãe para filho

NOME DA CHAPA: CHAPA ÚNICA Cargo

Nome do Candidato

Presidente

Claudio Gerolimo

Vice-presidente

Eneovaldo Abucarub

Secretário

Cristiano Paterlini Vieira

Tesoureiro Suplentes de diretoria

Eduardo Cabette Xavier Filho Dario da Silva Reis Rogério Peres Penha Marcio Henrique de Oliveira Carvalho

Conselho Fiscal

Marcelo Pinto de Carvalho Wellington Luiz Regazzo Gonçalo Vieira Pimentel Junior

Suplentes de Conselho Fiscal

Luiz Regazzo Benedito Donizete da Costa Celso Degaspari

Delegado representante

Claudio Gerolimo

Suplentes de delegado representante

Marcio Henrique de Oliveira Carvalho

O prazo para impugnação de candidaturas é de 05 (cinco) dias, a contar da publicação do presente aviso, conforme estabelece o estatuto desta entidade. Ibaiti, 30 de Novembro de 2016

_______________________________________ Claudio Gerolimo Presidente do Sindicato Rural de Ibaiti.

O incentivo ao diagnóstico e ao início precoce do tratamento, antes mesmo d o su rg i me nto d o s pr i meiros sintomas da doença, refletiram na redução dessas mortes. A taxa caiu de 9,7 óbitos por 100 mil habitantes, em 1995, para 5,6 óbitos p or 100 mil habitantes em 2015. Os dados s e referem ao ano de 2015. A epidemia no Brasil está estabilizada, com taxa de detecção em torno de 19,1 casos, a cada 100 mil habitantes. Isso representa cerca de 41,1 mil casos novos ao ano. Desde o início da epidemia de aids no Brasil (em 1980) até o final de 2015, foram registrados 827 mil p e ss o as qu e v ive m c om HIV e aids. Desse total, 372 ainda não estão em tratamento, e, destas, 260 já sabem que estão infect a d a s . A l é m d i s s o, 1 1 2 mil pessoas que vivem com HIV não sabem. “Inserir essas pessoas nos ser viços de saúde, p or meio da testagem e do início imediato do tratamento, é a prioridade do min istér io”, af ir mou Ricardo Barros. Dessa forma, estaremos impactando diretamente epidemia, pois vamos reduzir a circulação do vírus entre a população, acrescentou. Ainda segundo o boletim, a partir da implantação do tratamento para todos, em 2013, o número d e p e ss o as i n fe c t a d as e tratadas, subiu 38%. De 355 mil, em 2013, para 489 mil pessoas atualmente. Desde o surgimento da Aids, o Brasil vem tomando posição de vanguarda na oferta de tratamento e assistência às pessoas que vivem com HIV/aids. Em 2013, o Ministério implantou Novo Protocolo Clínico de Tratamento de Adultos com HIV e Aids, que disp onibiliza o trat amento da infe cção p ara to dos. De janeiro a outubro de 2016, 34 mil novas pessoas com HIV e aids entraram em tratamento pelo SUS. Atualmente, são 489 mil pessoas em tratamento.


TRIBUNA DO VALE

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016 CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA-PR NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL POR EDITAL Protocolo n.º 75407, de 28/11/2016. Requerente: Orival Gonçalves e sua mulher Célia dos Santos Gonçalves, brasileiros, casados pelo regime da comunhão de bens, ele serventuário da justiça aposentado, portador da cédula de identidade RG nº 495.357-PR, ela professora, portadora da cédula de identidade RG nº 464.659-PR, inscritos no CPF/MF sob nºs 022.948.349-68 e 010.564.849-34, respectivamente, residentes e domiciliados na cidade de Joaquim Távora-PR, na qualidade de proprietária da Matrícula nº 8.585 – Livro 2 – Registro Geral de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR. Notificados: 1) RENATO DE PAULA MARTINS, casado com Maria Albina de Souza Martins, brasileiros, proprietários, residentes e domiciliados neste município e comarca, inscritos no CPF/MF sob n° 089.804.209-78 conforme consta na R-18 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 2) APARECIDA MARTINS LOURENÇO, casada com Mario Lourenço, brasileiros, proprietários, residentes e domiciliados neste município e comarca, inscritos no CPF/MF sob n° 089.805.609-82 conforme consta na R-3 e R-19 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 3) JOEL FRANCISCO DE CASTRO, brasileiro, proprietário, casado com Nadia Sueli de Farias Castro, portador da certidão de casamento extraída do termo n°2.648, as fls.290, do livro n°B-9 do Cartório do Registro Civil desta cidade, ele filho de Pedro Francisco de Castro e de Nair Bueno de Castro, residente e domiciliado nesta cidade, à Rua D. Pedro II, n°338, Vila São José, conforme consta na R-31 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 4) NELSON SIMIONATO, brasileiro, casado, comerciante, residente e domiciliado nesta cidade, portador da cédula de identidade com RG 2.922.538-SP e inscrito no CPF/ MF sob n° 372.470.348-15, conforme consta na R-35 e R-46 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 5) JULIA MARTINS LOURENÇO, brasileira, viúva, do lar, portadora do RG n° 12.979.384-SSP/SP e inscrita no CPF/MF sob n° 248.051.548-61, residente e domiciliada à Avenida das Nações, n°250, Jardim das Nações, Diadema-SP, ADEMIR LOURENÇO, brasileiro, maior, nascido no dia 15 de agosto de 1977, solteiro, ajudante geral, portador da cédula de identidade RG n°29.765.472-X-SP inscrito no CPF/MF sob n°268.033.518-07; RENATA LOURENÇO, brasileira, menor, nascida no dia 03 de junho de 1981, solteira, estudante, portadora da cédula de identidade RG n°34.991.362-1-SP e inscrita no CPF/MF sob n°223.976.898-39; ANA PAULA LOURENÇO, brasileira, menor, nascida no dia 14 de janeiro de 1987, solteira, estudante, portadora da cédula de identidade RG n°42.269.818-0-SP; RODRIGO LOURENÇO, brasileiro, menor, nascido no dia 12 de março de 1987, solteiro, estudante, portador da cédula de identidade RG n°42.269.752-7-SP residente e domiciliado na Avenida das Nações, n°250, Jardim das Nações, DiademaSP, conforme consta na R-47 e R-50 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 6) LUIZ ANTÔNIO NOGUEIRA, brasileiro, menor púbere, residente e domiciliado no Sítio Ribeirão Bonito, Bairro Pedra Branca, neste município e comarca, portador da cédula de identidade RG n°8.555.815-3/PR e inscrito no CPF/MF sob n° 007.961.369-12, conforme consta na R-48 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 7) MARIA DE PAULA MARTINS, casada com Sebastião de Oliveira, brasileira, proprietária, residente e domiciliada em Curitiba, deste Estado, inscrita no CPF/MF sob n°108.762.439-87, conforme consta no R-9 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 8) LEVY PEDRO DE MORAES, brasileiro, casado, pecuarista, residente e domiciliado nesta cidade, portador da cédula de identidade com RG 6.016.147-0-SSP/PR e inscrito no CPF/MF sob n°207.820.049-20, conforme consta no R-37 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 9) JOSÉ MARTINS, brasileiro, casado, aposentado, portador da cédula de identidade RG 8.386.283-SSP/SP e inscrito no CPF/MF sob n°874.086.278-04, conforme consta no R-45 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 10) JOSÉ NUNES, lavrador, nascido em 12/04/1940, filho de João Jacinto Nunes e de Aparecida da Costa Nunes, inscrito no CPF/MF sob n°120.755.589-49; casado pelo regime de Comunhão de Bens em 01 de julho de 1967 com ELZA MARTINS NUNES, do lar, portadora da cédula de identidade com RG 7.564.801-4-SSP/PR, inscrita no CPF/MF sob n°565.204.769-00, conforme consta no R-51 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 11) ARGEMIRO DE PAULO MARTINS, vigilante, portador da cédula de identidade RG n°15.790.015-8-SSP/SP, inscrito no CPF/MF sob n° 277.918.669-00, casado pelo regime de Comunhão de Bens em 30 de julho de 1974 com Neusa de Souza Martins, do lar, portadora da cédula identidade RG n° 15.964.053-SSP/SP, inscrita no CPF/MF sob n° 006.260.879-70, ambos brasileiros, residentes e domiciliados à Rua 02 de Julho, n°465, Jardim Ciana, em Diadema –SP conforme consta na R-52, R59 e R-61 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 12) NEUZA DE MELO ASSIS 50%, brasileira, viúva, do lar, portadora da cédula de identidade RG n°2.247.799-PR e inscrita no CPF/MF sob n°724.490.209-34, residente e domiciliada na fazenda Santa Elisa, Bairro Pedra Branca, neste município e comarca; FERNANDA RIBEIRO DE ASSIS 25%, brasileira, solteira, comerciante, portadora da cédula de identidade RG n° 7.564.025-4, inscrita no CPF/MF sob n° 040.959.399-07, residente à Rua Quatro s/n, Jardim Bela Manhã, nesta cidade; FERNANDO RIBEIRO DE ASSIS 25%, brasileiro, motoboy, portador da cédula de identidade RG n° 9.490.106-5, e inscrito no CPF/MF sob n° 049.137.809-21, residente na fazenda Santa Elisa, Bairro Pedra Branca, conforme consta nas R-53, R-54, R-55, R-56 e R-57 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 13) VALQUIRIA DA SILVA, brasileira, solteira, do lar, portadora da cédula de identidade RG n°10.559.787-8-SSP/PR, inscrita no CPF/MF sob n° 066.942.729-28, residente e domiciliada no Sítio São Joaquim, Bairro Pedra Branca, nesta cidade, conforme consta na R-58 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; 14) DIVALDO BITHENCOURT DE OLIVEIRA, metalúrgico, portador da cédula de identidade RG n° 5.348.299-6SSP/PR, inscrito no CPF/MF sob n° 753.984.869-34 e sua esposa Laudicéia de Lourdes Arruda Oliveira, do lar, portadora da cédula de identidade RG n° 50.215.058-4-SSP/SP, inscrita no CPF/MF sob n° 145.394.77870, casados pelo regime de comunhão parcial de bens, ambos brasileiros, residente e domiciliados em Santo Antônio da Platina-PR, conforme consta na R-60 da Matrícula n° 1.381 do Cartório de Registro de Imóveis de Santo Antônio da Platina-PR; Assunto: Retificação Administrativa de Área de Imóvel Rural (com base no art.213, §3º; da Lei n.º6.015/73). Trata-se de procedimento extrajudicial de retificação administrativa de área, envolvendo o imóvel acima citado, registrado neste Serviço Registral Imobiliário, processado nos termos dos artigos 212 e 213, da Lei n.º6.015/73. Tendo em vista que Vossas Senhorias são titulares/responsáveis pelos imóveis, que segundo o levantamento topográfico apresentado, confrontam com o imóvel que ora será retificado, e como não constou do procedimento suas expressas anuências, e a pedido do requerente conforme sua declaração expressa de responsabilidade civil e criminal, que declararam também que a declaração de reconhecimento de limites foi dirigida aos endereços dos confrontantes que constam em suas matrículas, e que estes se encontravam em lugar incerto e não sabido, ficam NOTIFICADOS, do inteiro teor dos trabalhos técnicos, podendo nos termos §3º, do art.213, da Lei n.º6.015/73, impugnar fundamentadamente os presentes trabalhos, no prazo legal de 15 dias. Nos termos do §4º, do art.213, da Lei n.º6.015/73, a falta de impugnação no prazo da notificação resulta na presunção legal de anuência do confrontante ao pedido de retificação de área registrada. Nos termos do §10º do art.213, da Lei dos Registros Públicos, esta Notificação supre a Notificação do cônjuge e de eventuais outros condôminos titulares/detentores confrontantes desse mesmo imóvel. Portanto, são três as opções que a lei confere aos NOTIFICADOS: 1) Impugnar fundamentadamente; 2) Anuir expressamente (assinar planta e memorial anexos, reconhecer as firmas e enviar os trabalhos pelo Correio com A.R. a este serviço registral imobiliário); ou 3) Deixar transcorrer o prazo, aceitando os trabalhos tacitamente. Esclareço, finalmente, que eventuais falhas que venham a ser provadas no futuro não impedem novo procedimento retificatório nem vinculam as pessoas que anuíram nos presentes trabalhos, estando resguardados seus direitos reais nos termos da legislação civil, exceto nos casos de usucapião (art.214, §5º da Lei n.º6.015/73). Santo Antônio da Platina, 28 de novembro de 2016.Bel. Fabrício Faustino de Proença Escrevente Substituto PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ - PARANÁ EXTRATO DE ADITIVO IV AO CONTRATO Nº. 0133/2014 Partes: MUNICÍPIO DE BARRA DO JACARÉ/PR E A EMPRESA O. S. SOUZA & SOUZA LTDA, CNPJ/ MF nº. 17.569.488/0001-75. Objeto: COBERTURA DE QUADRA POLIESPORTIVA 19 X 33, conforme planilha orçamentária e memorial descritivo, especificados no edital e seus anexos da licitação em epígrafe. Período: fica aditivado pra mais 180 (cento e oitenta) dias, a partir de 03/12/2016. Data da Assinatura: 02/12/2016. Foro: Comarca de Andirá – PR EDIMAR DE FREITAS ALBONETI Prefeito Municipal SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO E REQUERIMENTO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO CLEIDE B. CANDIDO, CPF: 565.157.409-30 torna público que RECEBEU do IAP (Instituto Ambiental do Paraná) a licença de Instalação e REQUER a licença de operação para atividade Com. Varejista de insumos agrícolas, adubos e fertilizantes. Instalada na Rua sete de setembro, 93 no município de Abatiá/PR.

Atas & Editais A-7 PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ PORTARIA nº. 193/2016. SÚMULA: Dispõe sobre concessão de Licença Prêmio que abaixo especifica e dá outras providências. O Prefeito Municipal de Barra do Jacaré, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, nos termos do § 2º do Artigo 5º da Lei Municipal nº. 200/05de 07/07/05 e Considerando o requerimento protocolado sob nº 7039 em 07/11/2016. RESOLVE: I – CONCEDER Licença-Prêmio de 2 (dois) meses remunerada, ao servidor público municipal, Srº. DONIZETE GUSMÃO, cargo de Eletricista, iniciando em 01/12/2016 à 29/01/2017, com retorno em 30/01/2017. II – Em conformidade com o art.10 do Decreto nº 398 de 06/08/2006 (que regulamenta as atividades insalubres) cessará o pagamento do adicional Periculosidade no período em que estiver em gozo da referida licença. III – A presente portaria entra em vigor nesta data, revogadas as disposições em contrário. Registre-se, Publique-se. Prefeitura Municipal de Barra do Jacaré, 30 de novembro de 2016. EDIMAR DE FREITAS ALBONETI Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ PORTARIA nº 194/2016. O Prefeito Municipal de Barra do Jacaré, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e considerando o artigo 15 §I a VI da Lei Municipal nº 564 de 27/03/2015, que dispõe sobre o Plano de Cargos e Salários dos Servidores Públicos Municipais de Barra do Jacaré que dispõem sobre o enquadramento dos atuais servidores efetivos: RESOLVE: Art. 1º - Efetuar a progressão horizontal na tabela de remuneração, a partir de dezembro/2016, a servidora efetiva desta municipalidade, em nova faixa de vencimento do cargo – progressão na tabela de vencimentos, conforme abaixo: Nome do Servidor Tabela Atual: Tabela após progressão: 004 Aparecida Dabis Aparecido Adm: 07/12/1989 M2=26anos N2=27anos Art. 2º - O vencimento básico de cada servidor efetivo do Quadro de Pessoal do Município de Barra do Jacaré, será correspondente à nova Estrutura do Plano de Cargos e Salários, art. 15 itens I a IV e anexo V da Lei nº 564/2015, que dispõe sobre o Plano de Cargos e Salários da Prefeitura Municipal de Barra do Jacaré. Art. 3º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando as disposições em contrário. Registre-se e Publique-se. Prefeitura Municipal de Barrado Jacaré, em 30 de novembro 2016. EDIMAR DE FREITAS ALBONETI Prefeito Municipal SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA AMBIENTAL SIMPLIFICADA Antonio Gonzalez Jimenes sob CPF nº 089.813.459-53, torna público que recebeu do IAP a Licença Ambiental Simplificada, sob nº 113233 e validade até 30/06/2022, para atividade de Avicultura de Corte implantada no Sítio Santo Antônio, Bairro Chapada, Município de Joaquim Távora – PR. SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA AMBIENTAL SIMPLIFICADA Fernando Martos sob CPF nº 025.595.059-40, torna público que recebeu do IAP a Licença Ambiental Simplificada, sob nº 112792 e validade até 20/06/2022, para atividade de Avicultura de Corte implantada no Sítio Boa Esperança, Bairro Bonim, Município de Pinhalão – PR. SÚMULA DE RECEBIMENTO DE RENOVAÇÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO Mauro Ferreira de Godoy sob CPF nº 409.758.008-68, torna público que recebeu do IAP a Renovação da Licença de Operação, sob nº 116963-R1 e validade até 10/10/2022, para atividade de Avicultura de Corte implantada na Fazenda Monte Alto, Bairro Monte Alto, Município de Conselheiro Mairinck – PR. 1) Súmula de recebimento de Licença de Instalação do IAP-Jac-PR Rossito & Buzzeti Empreendimentos Ltda-ME, torna pública que recebeu junto ao IAP/Jac.-Pr, para fins de projeto de parcelamento de solo urbano, denominado Residencial Campo Belo II, com 48.400,00m2, Matr.17.632, Licença de Instalação sob nº 118406, validade da licença de 22/11/2018, a ser implantada próximo a Av. Dr. Tito e próx. aos bairros PQ dos Estudantes, Conj. Hab. Anita Moreira e Unigarden Residence. PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ - PARANÁ ATA DE ABERTURA E JULGAMENTO DA LICITAÇÃO Pregão Presencial 09/2016 Aos vinte e cinco dias de novembro de 2016, as 09:00 horas, no Edifício da Prefeitura do MUNICÍPIO DE BARRA DO JACARÉ, com endereço a Rua Rui Barbosa, nº 96, Bairro Centro, nesta cidade, reuniu-se a Comissão Permanente de Licitação da Municipalidade, designada pela Portaria nº 113/2016 de 02/05/2016, constituída pelas seguintes pessoas: ADENILSON SILVA, Pregoeiro, CPF-438.471.459-91; NATHAN LEONARDO GONCALVES ZANATTA, Membro, CPF-066.654.789-04; ELIO PENTEADO DA CRUZ, Membro, CPF-362.768.209-20, com o objetivo de julgar a Licitação Pública, sob a modalidade Pregão, veiculado através do nº 9/2016, que tem como objeto a aquisição de Aquisição de Pneus Novos para manutenção de veículos e máquinas da frota município. Iniciado os trabalhos verificou-se a participação das empresas: JMC DISTRIBUIDORA DE PNEUS LTDA - EPP, CNPJ-01.795.704/0001-60, RUA MARECHAL FLORIANO, 2803 CEP: 85801260 - BAIRRO: CENTRO CIDADE/UF: Cascavel/PR, JOSE CARLOS DEZEN, CPF-497.024.750-15; TEREZA PNEUS LTDA, CNPJ-01.179.914/0001-24, Rua Francisco Nunes, 432 - CEP: 80215000 - BAIRRO: Rebouças CIDADE/UF: Curitiba/PR, MARIA TEREZINHA DOS ANJOS SENFF, CPF-072.226.459-34 e a Empresa MODELO PNEUS LTDA. . Após credenciamentos de seus respectivos representantes presentes na sessão, por determinação da Comissão Permanente de Licitação, acima descrita, foi decidida a abertura dos envelopes de nº 01, contendo os documentos de proposta, que, após receber as rubricas autenticatórias pertinentes e a conferência das documentações apresentadas, não houve a inabilitação de nenhumas das empresas participantes, desta forma foi dado início aos lances tornando como vencedoras as empresas JMC DISTRIBUIDORA DE PNEUS LTDA - EPP; vencedora dos itens 05, 10, 11, 15, 18, 26, 29 e 30 do lote 01, e itens 02, 03, 05, 11, 12 e 13 do lote 02 , somando um valor de R$ 68.998,00; TEREZA PNEUS LTDA, vencedora dos itens 02, 04, 06, 07, 13, 14, 19, 24 e 25 do lote 01; itens 04, 06, 07, 08 09, 10, 14 e 15 do lote 02, somando um valor de R$ 293.074,00; MODELO PNEUS LTDA, vencedora dos itens 01, 03, 08, 09, 12,16, 17, 20, 21, 22, 23, 27 e 28,; item 01 do lote 02, somando um valor de R$ 218.932,00. Na fase seguinte, passou-se à abertura dos envelopes de nº 02, contendo as documentações de habilitação de cada uma das empresas consideradas habilitadas na primeira fase, dando-se conhecimento a todos presentes do inteiro teor das mesmas, a medida que também eram rubricadas. Ao exame das documentações, também não houve a desclassificação de nenhuma proponente. Diante dos elementos constantes dos documentos de proposta e habilitações, atendendo-se aos critérios de interesse público neste processo de licitação Pregão, do tipo Menor Preço por Itens a Comissão Permanente de Pregão, por decisão unânime de seus membros, levando-se em consideração ser mais vantajoso e de interesse para a Administração Pública Municipal, julgou esta licitação pelos critérios de menor preço e qualidade, perfazendo um valor total de R$ 581.004,00 (Quinhentos e Oitenta e Um Mil e Quatro Reais). Estavam presentes a esta sessão os representantes das proponentes participantes do certame licitatório TEREZA PNEUS LTDA e MODELO PNEUS LTDA . Sendo assim, dá-se como feita a intimação do ato de julgamento das propostas nos termos do art. 110 da Lei 8.666/93, para o prazo recursal previsto no art. 109 inciso I, alínea 'b', da mesma lei antes citada. Nada mais havendo a tratar, foi encerrada a ata de reunião que segue assinada pela Comissão Permanente de Licitação. Paço Municipal José G. Pereira, Barra do Jacaré, em 25/11/2016. ADENILSON SILVA Pregoeiro PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ - PARANÁ TERMO DE HOMOLOGAÇÃO LICITAÇÃO Pregão Presencial Nº 09/2016. OBJETO: Aquisição de Pneus Novos para manutenção de veículos e máquinas da frota municipal. Em cumprimento ao disposto no art.109, parágrafo 1 da Lei 8.666, de 21 de junho de 1993, torna-se público o resultado da licitação em epígrafe, apresentando o vencedor pelo critério Menor Preço; declarandose como vencedoras as empresas MODELO PNEUS LTDA, CNPJ 94.510.682/0001-26, RUA MAL. H. A. C. BRANCO Bento Gonçalves-RS; CEP 95700-000, vencedora dos itens vencedora dos itens 01, 03, 08, 09, 12,16, 17, 20, 21, 22, 23, 27 e 28; item 01 do lote 02, somando um valor de R$ 218.932,00; JMC DISTRIBUIDORA DE PNEUS LTDA - EPP, CNPJ 01.795.704/0001-60, RUA MARECHAL FLORIANO Cascavel-PR, CEP 85801260, vencedora dos itens 05, 10, 11, 15, 18, 26, 29 e 30 do lote 01, e itens 02, 03, 05, 11, 12 e 13 do lote 02 , somando um valor de R$ 68.998,00; TEREZA PNEUS LTDA, CNPJ 01.179.914/0001-24, Rua Francisco Nunes Curitiba-PR, CEP 80215-000, vencedora dos itens 01, 03, 08, 09, 12,16, 17, 20, 21, 22, 23, 27 e 28,; item 01 do lote 02, somando um valor de R$ 218.932,00, por apresentarem menores valores pelos seus respectivos itens, perfazendo um valor total de R$ 581.004,00 (Quinhentos e Oitenta e Um Mil e Quatro Reais). Paço Municipal José G. Pereira, Barra do Jacaré/PR, em 30 de novembro de 2016. EDIMAR DE FREITAS ALBONETI Prefeito Municipal


cmyb

A-8 Local

TRIBUNA DO VALE

Quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

Cmei Bentão vai atender 120 crianças em período integral

INAUGURAÇÃOCreche foi inaugurada na manhã de ontem, 30, e vai funcionar a partir de 2017

Dayse Miranda

Dayse Miranda

Secretários municipais e familiares de homenageado participam de inauguração do Cmei Bentão Dayse Miranda

A prefeitura de Santo Antônio da Platina inaugurou ontem, 30, o Centro Mu n i c ip a l d e E du c a ç ã o Infantil (Cmei) Professor Herivelto, mais conhecido como Cmei Bentão – localizado no Jardim Ângelo. A creche tem capacidade para atender cerca de 120 alunos em período integral. Em obras há anos, o estabelecimento de ensino foi alvo de vândalos duas vezes e custou aos cofres do muni-

cípio mais R$ 20 mil a troca de vidros, lâmpadas e reparos dos estragos. A creche fica localizada em um dos bairros mais populosos da cidade e que mais carece de vagas. O prédio vai atender crianças do berçário aos três anos e será a maior creche dada cidade. O imóvel foi construído com recursos do Plano Nacional de Desenvolvimento da E ducação (FNDE) sob vigência do Programa Proinfância dentro do Plano de Ações Articuladas

(PAR) no valor de R$ 1,3 milhão com contrapartida de R$ 100 mil da prefeitura para construção do muro. A área é de 1.118 metros quadrados. O mobiliário ficou em R$ 106 mil. S e g u n d o a s e c re t á r i a municip a l d a E duc aç ão, Estela Garcia Noal, a inauguração da creche é um dos grandes ideais do prefeito Pedro Claro de Oliveira Ne to, p oi s , e ss a s e mpre foi a meta de sua administração - investimento em educação e saúde. Es-

Prefeito em exercício Jorge Garrido comemora investimento na educação

t e l a c om e nt a qu e S ant o A ntôn i o d a Pl at i n a te m caminhado na contramão da crise financeira em que o País vem passando, pois, a gestão do prefeito conseguiu inaugurar obras de muita importância para a comunidade. “Pedro Claro é um homem visionário e sempre fez de tudo para que o município se desenvolvesse”, elogiou. Estela ainda adianta que a rampa de acesso à escola vai para processo licitatório em janeiro. Ela deixa o pe-

dido para que a comunidade zele pelo estabelecimento de ensino e ajude a manter a integridade do prédio, já que tem a finalidade de atender a s c r i an ç a s . “Q u e re m o s pedir para que a população zele pelo patrimônio público. Foi construído com muito carinho e para atender a região mais populosa da cidade, são aproximadamente 15 mil habitantes na região”, pontuou. Familiares de Herivelto de S ouza Prado (professor homenageado com

o nome da creche), est i v e r a m a c o mp a n h a n d o a i n a u g u r a ç ã o. E m s u a memória a Secretaria de Educação prestou uma singela homenagem falando da sua trajetória e contribuição para o município. O prefeito em exercício Jorge Garrido apontou que é muito satisfatório poder inaugurar mais um estabelecimento de ensino na cidade, ainda mais nomeado com uma pessoa de tamanha importância para a educação municipal.

cyan magenta yellow black

Pdf3248  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you