Issuu on Google+

cmyb

Sexta-feira 310 140

10 DE MAIO DE 2013

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

ANO XVII - N0 2387 - R$ 1,00

www.tribunadovale.com.br

CRISE

Hospital não tem dinheiro para comprar hidrantes

O Hospital Nossa Senhora da Saúde de Santo Antônio da Platina não tem verba para adquirir os hidrantes necessários para cumprir parte do Plano de Ação Contra Pânico e Incêndio exigido pelo Corpo de Bombeiros. A afirmação é do provedor interino do HNSS, Luiz Antônio Moura. Segundo ele, outros itens que constam no Plano já foram providenciados. Sem as medidas elencadas pela corporação, o hospital não consegue o alvará de funcionamento da prefeitura. O prefeito Pedro Claro de Oliveira Neto já afirmou que vai repassar verbas mensais à casa de saúde platinense, mas a partir do momento que ela esteja com toda documentação regularizada. 

PÁG. A3

CRIME EM 2004

Júri absolve réus do assassinato de Cunha

Luiz Guilherme Brandani

Tiago Henrique da Silva e Erivelto Aparecido Costa, o Eri, ambos com 28 anos, foram absolvidos do assassinato de Fábio José Estevan, o Cunha, ocorrido em 2 de fevereiro de 2004. O julgamento ocorreu ontem e teve quase seis horas de duração, em Santo Antônio da Platina. O júri acatou a tese da defensoria de legítima defesa. O crime aconteceu após uma briga em uma lanchonete na rua 13 de Maio, na Vila São José. A vítima foi agredida com uma paulada e depois com um golpe de faca. Segundo testemunhas, Cunha era violento e costumava se envolver em confusões. A família dele se revoltou com a absolvição dos réus.  PÁG. A6

GRIPE

Região supera meta de vacinação 

PÁG. A5

Defesa convenceu jurados que Tiago Silva e Erivelto Costa mataram Cunha em legítima defesa

EDUCAÇÃO

Ribeirão Claro promove Feira do Livro 

S.A.PLATINA

Localização da feira livre volta a ser polêmica

Antônio de Picolli

PÁG. B1

S.A.PLATINA

Prefeitura dá início às obras do PAC 2 Antônio de Picolli

Saídas da Escola ficam bloqueada pela feira; movimento e barulho também atrapalham as aulas

Jardim Bela Manhã já recebeu as manilhas; nos três bairros obras devem ficar prontas até o final deste ano

Os bairros Álvaro de Abreu, Vila Ribeiro e Jardim Bela Manhã em Santo Antônio da Platina, começam a receber obras de infraestrutura do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2), do governo federal, no valor de R$ 5.8 milhões. As melhorias consistem na construção de galerias pluviais, calçadas, sarjetas, meio-fio e pavimentação. Manilhas de concreto já começaram a ser entregues no Jardim Bela Manhã.  PÁG. B1

O funcionamento da feira livre de Santo Antônio da Platina, na avenida Oliveira Motta, trecho central da cidade, voltou a ser discutido depois que o Ministério Público recomendou à prefeitura que procurasse um novo lugar para o atendimento dela. Um dos maiores problemas é com a Escola Estadual Santa Terezinha, que fica com as duas saídas do estabelecimento bloqueadas pelos feirantes e até pelo público, dificultando a chegada de uma ambulância caso aconteça algum problema de saúde com um dos 500 alunos.  PÁG. A5

SANEAMENTO

Sanepar investe em coleta e tratamento de esgoto em Figueira

TÍTULO

Ratinho Júnior será homenageado em Siqueira Campos

O secretário de Estado de Desenvolvimento Urbano do Paraná, Ratinho Junior recebe hoje, às 9 horas, no Clube Recreativo Arco Íris, em Siqueira Campos, o título

AGRICULTURA

de Cidadão Honorário do município. A entrega será feita durante a 6ª sessão ordinária da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi).  PÁG. A5

IBGE estima crescimento da produção de grãos  PÁG. A8

Figueira está recebendo obras de coleta e tratamento de esgoto da Sanepar, que está construindo uma Estação de Tratamento (ETE) e assentamento de 6,8 quilômetros de rede coletora. Os investimentos são de R$ 5 milhões e os trabalhos devem ser concluídos em fevereiro de 2014.  PÁG. A4

cyan magenta yellow black


A-2 Opinião

TRIBUNA DO VALE

Esgotamento gerencial: quando um dos sócios gestores não tem condições de aproveitar as oportunidades da empresa e nem se dispõe a reciclar,” José Carlos Ignácio

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

nvestir em ações não é um passatempo para as horas vagas. Se o objetivo é ganhar dinheiro, esse é um trabalho que exige muita dedicação e esforço.” Felipe Sotto-Maior e Daniel Resende

E DITORIAL

Inventar truques Em 2000, o governo Fernando Henrique Cardoso promulgou a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), pela qual estados e municípios não podem gastar mais de 60% das receitas correntes com pessoal. No caso da União, esse limite é de 50%. A administração pública brasileira, em especial as prefeituras e os governos estaduais, vinha trilhando um caminho de franca deterioração de suas finanças, prenunciando que, se nada fosse feito, o abismo financeiro chegaria brevemente. A LRF foi a tábua de salvação. A lei pegou rapidamente, e cumpriu papel tão relevante a ponto de o primeiro ministro da Fazenda do PT, Antonio Palocci, ter dito que, somente por essa lei, Pedro Malan, ministro da Fazenda do governo HORÁRIO DE FECHAMENTO

22:10

FHC, merecia ter uma estátua em praça pública. Muitos petistas não gostaram da declaração de Palocci, pois implicava reconhecer uma das mais importantes medidas tomadas pelo governo anterior, que era do PSDB, portanto, adversário do PT. Uma estupidez política, pois todo governo tem acertos e erros, e a LRF está inscrita entre os maiores acertos de FHC. Sem ela, seguramente a administração pública brasileira teria se transformado em completo caos. A LRF é um patrimônio da nação, uma arma eficiente contra desmandos e ineficiências da gestão pública, que merece apoio de toda a população a fim de ser preservada e não modificada. Na época da aprovação da LRF, o PT posicionou-se

radicalmente contra, embora a tenha mantido após a chegada de Lula à Presidência da República. Conforme o ministro Palocci reconheceu, o PT foi contra porque era contra tudo que viesse de Fernando Henrique, não por ver falta de méritos nessa lei. Tanto é que o PT também votou contra o Plano Real, embora Lula e Dilma tenham mantido as bases do plano e da política macroeconômica herdada de FHC. Apesar de a LRF ter freado a irresponsabilidade nos gastos com pessoal, alguns estados começaram a inventar truques para fugir do limite de 60% nesse tipo de despesa. Em alguns casos, com o apoio do Tribunal de Contas, passaram a retirar do cálculo certas rubricas, como o Imposto de Renda pago pe-

los funcionários e a exclusão de algumas verbas remuneratórias. Essa contabilidade “criativa”, que tem limites, é um péssimo exemplo num país que pretende impedir a destruição da saúde financeira dos entes públicos. A LRF dá força aos governantes para resistirem à concessão de reajustes salariais que, embora possam ser defensáveis, ajudariam a levar para a falência os cofres municipais e estaduais. A LRF só dá aos governos duas saídas: ou param de inchar a máquina estatal e melhoram a eficiência da gestão – o que criaria espaço para melhores salários –, ou ficam impedidos de oferecer elevações salariais, mesmos nos casos em que isso é claramente necessário. O fato constatado ao longo da

C HARGE

chargeonline.com.br

história da gestão pública no Brasil é que, se deixados à vontade e sem limitação legal, os governantes – que são temporários – acabam adotando a irresponsabilidade fiscal e jogam para os governos seguintes e para as gerações futuras a conta de suas medidas lesivas à saúde financeira dos entes que administram. Em vários momentos, incluindo no ano passado, tentativas foram feitas para “flexibilizar” a LRF. É uma palavra bonita para designar o afrouxamento dos limites e permitir que estados e municípios gastem mais que 60% com pessoal. Isso precisa ser evitado. Atualmente, com prefeitos e governadores pressionados a conceder aumentos salariais – em muitos casos justificados pela elevação da inflação

–, ressurgem os murmúrios sobre propostas para modificar o método de cálculo dos gastos com pessoal e sobre a tal “flexibilização” da lei. A má qu i na públ i c a é como uma empresa emperrada, com excesso de gente, processos administrativos ineficientes e custosos, burocracia exagerada e produtividade do trabalho baixa. Já passou da hora de o setor público começar a incorporar as teorias de administração e as tecnologias gerenciais conhecidas do setor privado para melhorar a produtividade no governo. Isso permitiria fazer mais tarefas com menos gente e, mesmo obedecendo aos limites da LRF, seria possível melhorar os salários daquelas categorias de menor remuneração, como professores e policiais.

A RTIGO

NESTA EDIÇÃO TEM

Felipe Sotto-Maior e Daniel Resende

22 PÁGINAS CADERNO PRINCIPAL - OPINIÃO - POLÍTICA - GERAL - CIDADES - COTIDIANO - ESPORTES - AGRONEGÓCIO

A 01 - 08 A 02 A 03 A 04 A 05 A 06 A 07 A 08

2ª CADERNO - AGRONEGÓCIO - ATAS & EDITAIS - SOCIAL

B 01 - 08 B 01 B 02 - 07 B 08

3º CADERNO - ATAS & EDITAIS

C 01 - 06 C 01 - 06

As armadilhas das corretoras para os investimentos em bolsa de valores

PREVISÃO PARA HOJE

31º 140

SANTO ANTÔNIO DA PLATINA

A RTIGO José Carlos Ignácio

Quando a sociedade chega ao fim Se existem motivos sobre os quais os sócios têm dificuldades de comentar e planejar regras, certamente a separação está inclusa. Afinal, é raro alguém montar uma sociedade, investir tempo, energia e capital e, simultaneamente, pensar em como a mesma terminará. Normalmente o assunto tende a ficar esquecido ou intocado em um canto qualquer. Porém, por mais que os sócios evitem tocar no assunto, a experiência tem mostrado que separação de sócios ou término de sociedade é parte importante do relacionamento e deve ser tratado com seriedade e boa dose de planejamento. Existem vários motivos que levam à separação entre sócios. De forma abrangente, podemos dizer que o momento de se separar é quando a sinergia desaparece ou quando o equilíbrio na sociedade deixa de existir. É o momento em que não se consegue mais evitar conflitos devido a diferenças existentes entre os gestores. Para conseguir que uma sociedade seja equilibrada e sinergética, é necessário trabalhar aspectos como complementariedade

funcional, planos pessoais, plano de negócios, divisão de trabalho, divisão do capital, dedicação, estilo gerencial e uma série de outros fatores que devem ser conciliados de forma a gerar trabalho coordenado a favor de objetivos comuns e prevenção contra conflitos, isto é, equilíbrio e sinergia. Por outro lado, quando esses fatores entram em desequilíbrio (por razões variadas), podem se transformar em motivos para a separação ou a finalização da sociedade. O sintoma pode vir por um conflito interno na imprensa ou por mudanças no curso da vida pessoal de cada sócio. Independentemente do fato gerador, o resultado é perda parcial de sinergia. Indícios - Alguns sintomas são detectáveis e podem indicar uma tendência negativa para a sociedade: - Mudança de expectativas: se por qualquer motivo os sócios não estão mais sintonizados quanto ao que esperam da empresa, as divergências podem levar ao fim da sociedade. - Desentendimento gerado pela falta de discussão anterior: quando

TRIBUNA DO VALE

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 Editora Jornal Tribuna do Vale LTDA CNPJ 01.037.108/0001-11 Matriz: Rua Tiradentes 425, Centro Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43 3534 . 4114

Diretor Responsável Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale@tribunadovale.com.br tribunadovale@uol.com.br

não se atenta para o diálogo do dia a dia e deixa se acumular questões mal resolvidas, a soma dos desentendimentos pode levar à separação. - Esgotamento gerencial: quando um dos sócios gestores não tem condições de aproveitar as oportunidades da empresa e nem se dispõe a reciclar, insistindo no mesmo modus operandi de anos, há o risco óbvio de atritos ou de necessidade de mudanças. - Falta de sucessores e aposentadoria também podem ser fatores decisivos para a decisão de separação. Precauções - Seja qual for o motivo, ou motivos da separação, vale a pena destacar que as suas regras, tais como valorização da participação societária do sócio retirante, condições de pagamento, sucessão do cargo e outros relacionados devem estar previstas no Acordo de Cotistas ou Acionistas, evitando-se assim a discussão de regras em momento inoportuno, ou seja, com o jogo em andamento. Ressalto ainda a importância de se planejar a parte prática da separação, ou seja, a elaboração do Plano de Separação, o qual

deve prever eventos e prazos, tais como transmissão do cargo, comunicado ao público interno (funcionários) e externo (clientes, fornecedores, bancos e outros) de forma assertiva, entre outras providências, provocando um efeito positivo de todo o processo e blindando as operações da empresa. Por tudo isso, nunca se esqueça: planejamento da separação dos sócios também faz parte da gestão da sociedade. * Sobre o autor: José Carlos Ignácio é sócio-fundador da JCI Acquistion, formado em Administração de Empresas e possui MBA e Pós Graduação. É também palestrante e já participou de processos de Fusão e Aquisição e de Relacionamento de Sócios em diversas organizações nacionais e multinacionais. Autor do recém-lançado livro Todo relacionamento entre sócios pode ser melhorado (Anadarco Editora). Site: www. jciconsultoria.com.br ‒ Email: jci@jciconsultoria.com.br

Representação: MERCONET Representação de Veículos de Comunicação LTDA Rua Dep. Atílio de A. Barbosa, 76 conj. 03 - Boa Vista - Curitiba PR Fone: 41-3079-4666 ¦ Fax: 41-3079-3633 Vendas Assinatura Anual R$ 200,00 Semestral R$ 100,00

Impressão e Fotolito: Editora Jornal Tribuna do Vale Fone/Fax : 43 3534 . 4114

Com o advento do Home Broker, comprar e vender ações tornou-se muito fácil e barato. Qualquer pessoa pode fazê-lo. Porém, investir em ações vai muito além de comprar e vender: é preciso saber o que comprar e o que vender. Quando? Quanto? A que preço? A solução que o mercado encontrou para esse problema esconde uma armadilha que ilude muitos investidores incautos. A expansão dos Home Brokers mudou a realidade do mercado. Onde antes havia apenas profissionais, especialistas e investidores dedicados, hoje há centenas de milhares de pessoas com pouca ou nenhuma experiência em investimento. Um verdadeiro exército de investidores zumbis, comprando e vendendo ações de acordo com as recomendações das corretoras. Investir em ações não é um passatempo para as horas vagas. Se o objetivo é ganhar dinheiro, esse é um trabalho que exige muita dedicação e esforço. Como nem todos podem se dedicar da maneira adequada, algumas artimanhas foram criadas para facilitar o processo de tomada de decisão. As corretoras difundiram bastante a análise gráfica. Retas de suporte, resistência, bandas de bollinger e outras terminologias que parecem científicas. Ela consiste na análise isolada dos movimentos do preço de determinado papel, para identificar tendências, supostamente determinando os melhores momentos para entrada e saída. Com a simplificação da análise técnica e as diversas ferramentas disponíveis para desenhar linhas em gráficos, os investidores conseguem começar a operar instantaneamente, mesmo que não tenham ideia do que estão fazendo. Para evitar a sensação dos clientes de que suas decisões de compra ou venda de dezenas de milhares de reais estão sendo tomadas de maneira simplória ou ingênua, as corretoras criaram um sistema de recomendação, que tira dos ombros do investidor o peso de realizar uma análise mais aprofundada. As corretoras ganham dinheiro quando seus clientes compram ou vendem ações. Para o negócio funcionar, elas precisam que as pessoas se sintam seguras para investir mais e mais. Para criar essa sensação de segurança, corretoras contam com equipes que avaliam as empresas, realizando a análises fundamentalistas para que os clientes não precisem fazê-las. Teoricamente, são considerados todos os aspectos relevantes para determinação de um preço-alvo. O resultado é publicado abertamente ou para os clientes. Munidas com as análises da corretora e os sistemas de análise gráfica, apoiadas na facilidade de comprar e vender pela internet, surgem legiões de médicos, advogados, estudantes de economia e muitos outros, que instantaneamente se transformam em operadores de ações. Lançam-se à bolsa de valores cheios de coragem, seguindo cegamente conceitos que acabaram de aprender e que pouco dominam. A primeira coisa estranha que notamos é como as recomendações de preço-alvo publicadas por corretoras são sempre fortemente influenciadas pela cotação. Apesar das análises, as corretoras costumam revisar seu preço-alvo de acordo com o preço atual da ação. Esse fenômeno é chamado de ancoragem. Quando se trata de valores mobiliários, é bastante comum ficar-se ancorado aos preços de mercado. No caso de ações, onde a quantidade de informações a serem processadas é muito extensa e dispersa, os preços no mercado costumam ser uma referência importante nas estimativas individuais. Mesmo os profissionais, gestores de fundos, estão sujeitos a esta armadilha, principalmente quando não confiam o bastante em seus próprios processos de análise. É muito frequente encontrar este tipo de comportamento também entre os analistas de mercado. O melhor cliente para as corretoras é o investidor que realiza muitas compras e vendas. E as instáveis publicações de preço-alvo ajudam a aumentar o faturamento. Felipe Sotto-Maior e Daniel Resende são empresários e diretores do site www.comparacaodefundos.com Circulação: Abatiá ¦ Andirá ¦ Arapoti ¦ Bandeirantes ¦ Barra do Jacaré ¦Cambará ¦ Carlópolis ¦ Conselheiro Mairink ¦ Figueira¦Guapirama ¦ Ibaiti ¦ Itambaracá ¦ Jaboti ¦ Jacarezinho Jaguariaíva ¦ Japira ¦ Joaquim Távora ¦ Jundiaí do Sul ¦ Pinhalão ¦ Quatiguá ¦ Ribeirão Claro ¦ Ribeirão do Pinhal ¦ Salto do Itararé ¦Santana do Itararé ¦ Santo Antônio da Platina ¦ São José da Boa Vista ¦ Sengés ¦ Siqueira Campos ¦Tomazina ¦ Wenceslau Bráz

Filiado a Associação dos Jornais Diário do Interior do Paraná

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.


Política A-3

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Saiu primeiro o do Paraná, porque era uma área menor, uma área com produtividade muito grande. A Embrapa fez e entregou” Gleisi Hoffmann

P anorama Regional B. Francisquini

O mínimo e o exagero Fica tão difícil acreditar em tudo que orbita o Hospital Nossa Senhora da Saúde que quando é publicada uma reportagem em qualquer veículo de comunicação, em especial nesta Tribuna do Vale, dá-se a impressão é que os repórteres que cobrem o cotidiano da região é que torce contra, quando não ouve-se até a acusação de que agimos de má fé. Mas como

acreditar em uma instituição, seja ela pública ou privada, onde não há transparência? Como crer em uma diretoria que se nega a divulgar a folha de pagamento dos seus funcionários? Como acreditar em uma provedoria que não mostra quanto a unidade gasta e quanto arrecada? É pedir demais? Para a sociedade é o mínimo! Para eles um exagero.

Lazer Uma máquina que pertence ao patrimônio público foi vista essa semana fazendo serviços no interior de um clube de lazer entre os municípios de Joaquim Távora e Quatiguá. Como o clube está em território tavorense e o clube pertence à elite quatiguaense, resta a dúvida se a máquina que trabalhou no local pertence a Joaquim Távora ou a Quatiguá. Seja de quem for, o fato precisa ser explicado senão pode sobrar para as duas prefeituras. Tempo, tempo, tempo Quanto tempo vai durar a recuperação/reparos do trecho de 37 quilômetros da PR-092 entre Santo Antônio da Platina e Andirá? Quanto tempo vai durar a busca do prefeito Pedro Claro de Oliveira pelo substituto do seu secretário demissionário de Planejamento José da Silva Coelho Neto? Quanto tempo vai demorar para a polícia concluir o inquérito e apontar um acusado do caso Aline? Parabéns a você No mês que vem completa dois anos das explosões que na rede de galerias pluviais da rua Rio Branco, bem no centro de Santo Antônio da Platina. O acidente, causado pelo despejo irregular de combustível na rede deixou uma criança ferida com queimaduras e causou prejuízos a mais de uma dezena de pessoas. Até agora ninguém foi responsabilizado e pela forma vagarosa com que a justiça é feita por esses lados de cá é bem capaz que ninguém seja. Os prejuízos ou parte deles foram pagos pela prefeitura. Caso Lucivane O caso Lucivane, que também já tem mais de dois anos, tem mais uma audiência marcada para a próxima segunda-feira, 13. Mais testemunhas, desta vez de acusação, serão ouvidas. O caso se aproxima de uma definição. Meu seguro, minha vida Outro caso investigado pela polícia e que ainda aguça a curiosidade de 10 em cada 10 platinenses é o golpe do Dpvat descoberto pela então delegado Margareth Neves ainda em 2011 e que até agora já passou pela mão de outros três delegados mas ainda está sem o seu inquérito concluído. Justiça seja feita, há dezenas de testemunhas que precisam ser ouvidas, assinaturas que necessitam de confrontamento e laudos que ainda não foram entregues. Mas que muita gente aguarda o desfecho do caso, isso é verdade. Destino certo Já repararam que o destino de quase todos os investimentos industriais no Paraná estão sendo levados para Ponta Grossa? O que será que a capital dos Campos Gerais tem de tão atrativo assim, que quase tudo vai para lá. Detalhe: a maioria com o apoio do governador Beto Richa. Marcelo Rangel deve mesmo ter olhos lindos. Vai faltar voto Hermas Brandão Júnior, Pedro Lupion, Luiz Claudio Romanelli, Chico da Princesa, Tina Toneti, Claudinei Benetti, Tiri Gomes e fora os pára-quedistas? Vai faltar voto para eleger deputado estadual no Norte Pioneiro ano que vem! Sei não O ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) é quem trata dos temas indígenas no governo. Mas a Comissão de Agricultura da Câmara convocou a ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil) para falar hoje sobre a criação de uma Nação Guarani. Parece estranho, mas não é. Gleisi (PT) é candidata ao governo do Paraná, e o comando da Comissão é aliada do governador Beto Richa (PSDB). Amunorpi Hoje pela manhã tem reunião da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi) em Siqueira Campos. Na pauta dos prefeitos está o Esporte Amador. Depois o secretário de Desenvolvimento Urbano do Paraná, Ratinho Júnior, que pertence ao PSC, será homenageado com o título de Cidadão Honorário da cidade. Aliás, Ratinho Júnior só não será candidato a vice-governador de Beto Richa se não quiser. Do contrário vai se candidatar a deputado estadual para ajudar a eleger oito deputados pelo seu partido em 2014.

Provedor do hospital diz que não tem dinheiro para comprar hidrantes ALVARÁMoura diz que as exigências do Plano de Ação Contra Pânico e Incêndio estão sendo providenciadas

Antônio de Picolli

Maurício Reale

O provedor interino do Hospital Nossa Senhora da Saúde (HNSS) de Santo Antônio da Platina, Luiz Antônio Moura afirmou, na manhã de ontem, que a Casa de Saúde não tem verba para comprar os hidrantes necessários que fazem parte do Plano de Ação Contra Pânico e Incêndio. Segundo o provedor, para que o Plano de Ação seja apresentado ao Corpo de Bombeiros só falta a instalação dos hidrantes. “ Também já providenciamos a construção da saída de emergência e já temos 29 extintores dentro do prazo de validade distribuídos pelo hospital”, informa. De acordo com o tenente aspirante do Corpo de Bombeiros Jefferson Gregório, a emissão de certidão de funcionamento depende da aprovação do Plano. O provedor reclamou do rigor exigido pelos Bombeiros em relação ao hospital. “Diversos lugares na cidade funcionam sem hidrantes, mas não entendo porque só o hospital precisa providenciá-los”, desabafou. Já o tenente Gregório disse que não é bem assim. “Qualquer estabeleci-

Tenente Gregório mostra hidrante que precisa ser instalado no hospital

mento com mais de 100 metros quadrados precisa apresentar um Plano de Ação Contra Pânico e Incêndio para obter o alvará de funcionamento, mas os critérios mudam de acordo com as características de cada imóvel. Hidrantes são necessários para locais com mais 1, 5 mil metros quadrados onde haja grande aglomeração de pessoas, mesmo assim, dependendo das características do imóvel, como distância entre os locais dentro dele que impeçam a propagação de um incêndio,

por exemplo, podem dispensar a instalação do hidrante, mas tudo isso depende de um plano elaborado por arquitetos ou engenheiros”, explica o tenente. Ele citou o exemplo do Colégio Santa Terezinha, no centro da cidade, como exemplo de execução das obras estabelecidas no Plano de Ação. Nos corredores do colégio há pelo menos dois hidrantes, além de um reservatório de água, saídas de emergência e dos itens básicos de segurança como extintores, iluminação e

placas de emergência. Segundo a irmã Leonara Alencar, diretora da escola, os hidrantes foram instalados em outubro de 2012 e ainda há obras para ampliar as saídas de emergência nos pavilhões superiores da instituição. O tenente também afirmou que um projeto parecido é desenvolvido no hospital de Ribeirão do Pinhal. “Eles já apresentaram o Plano de Ação e já estão providenciando a instalação dos hidrantes necessários”, comentou.

EMBRAPA

Gleisi Hoffmann pede suspensão de estudos da Funai no Paraná

Antonio Cruz/ABr

Iris Alessi

A ministra-chefe da C asa Civil, Gleisi Hof fman, solicitou ao Ministério da Justiça a suspensão de estudos da Fundação Nacional do Índio (Funai) para demarcação de terras indígenas no Paraná. O pedido foi feito pela Casa Civil após a análise da Embrapa no Paraná sobre os estudos apresentados pela Funai. No estado, 15 pontos foram indicados pelo órgão para demarcação de terras indígenas, principalmente em municípios do Oeste do estado. Os estudos foram suspensos no Paraná primeiro, p orque a aná lis e realizada pela Embrapa foi finalizada antes no estado. “Saiu primeiro o do Paraná, porque era uma área menor, uma área com produtividade muito grande. A Embrapa fez e entregou”, afirmou Gleisi. De acordo com a ministra, também estão sendo finalizados os estudos referentes às áreas nos estados do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e Mato Grosso do Sul. A afirmação da ministra foi feita dia (8) na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados. Gleisi foi convocada para dar explicações sobre processos de demarcação de terras indígenas. Em sua explanação, ela af irmou que o governo está com

Ministra chefe da casa civil Gleisi Hoffman solicitou a Embrapa suspensão de estudos

um grupo de trabalho para esclarecer os processos e estabelecer critérios claros para a realização dos estudos e laudos antropológicos. “Estamos construindo [os estudos] com vários ó r g ã o s d o g o v e r n o, e m especial com a Embrapa, que coordenará um sistema de informações para a prevenção e gestão de conflitos em terras indígenas”, disse Gleisi. A m i n i st r a af i r m ou qu e o governo está disposto a dar mais clareza nos estudos re a l i z a d o s p e l a Fu n a i e que quer que outros órgãos do governo, como o Ministério da Agricultura,

Pecuária e Abastecimento, Ministério do Desenvolvimento Agrário, Ministério das Cidades, entre outros, deem seu parecer. Gleisi apelou para que tema fosse debatido com tranquilidade para que se possa chegar à resolução dos conflitos. "Não viemos aqui para um embate com a agricultura ou com os índios. Nós viemos aqui para tentar resolver um problema", ponderou a ministra ao responder às criticas feitas pelos deputados federais. Ela também disse que é preciso a união dos esforços para a resolução, já que a situação é mais tensa, porque as demarcações es-

tão em áreas mais ocupadas, principalmente nas regiões Sul e Centro-sul. S obre a reivindicação dos ruralistas pela retomada da portaria 303, que possibilita ao governo fazer obras de infraestrutura dentro de terras indígenas demarcadas, Gleisi disse que o governo “não pode aplicar algo que não ten h a o e nte n d i m e nto d o Supremo Tribunal Federal”. O Advogado Geral da União, Luís Inácio Adams, explicou que a portaria é necessária para “de fato fixar dentro da Advocacia Pública o conjunto de o r i e nt a ç õ e s q u e a q u e l a decisão adotou”.


A-4 Geral

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Indústria paranaense tem melhor desempenho do País em março

SANEAMENTO

Sanepar implanta serviço de esgotamento sanitário em Figueira

PLANEJAMENTO Comparando com o mesmo período do ano anterior, a indústria recuou 4,4% AEN

O setor industrial do Paraná apresentou o melhor resultado do País, com expansão de 5,4% em março de 2013 na comparação com fevereiro, contra variação de 0,7% da indústria nacional no mesmo período. A Pesquisa Industrial Mensal Regional Produção Física (PIM-PF) foi divulgada nesta quinta-feira (09/05) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado registrado pela indústria paranaense foi o maior entre as 13 estados pesquisados, puxado pelos ramos de alimentos, celulose e papel, metalurgia e veículos. No confronto com março do ano passado, a indústria paranaense recuou 4,4%, mas mesmo assim obteve o melhor desempenho da Região Sul. A média nacional foi de -3,3%. As taxas do Paraná foram melhores que as do Pará (-14,0%), Espírito Santo (-13,1%), Ceará (-6,8%), Santa Catarina (-6,2%) e Rio Grande do Sul (-5,3%). Dos 14 segmentos investigados, no Paraná, oito apresentaram queda na produção na comparação entre março de 2012 e deste ano. O prin-

cipal impacto negativo foi sentido no ramo de edição e impressão (-22,3%), que tem a retração explicada crescimento elevado (89,2%) em março do ano passado, além da queda na produção de livros, brochuras e impressos

As quedas registradas em determinadas atividades da indústria no Paraná são reflexo da redução nas exportações, oriunda da contração da demanda externa, agravada pela crise da Europa”

didáticos. Também contribuíram para esse resultado o setor alimentos, com queda de 6,1%, puxada pela redução da produção de carnes e miudezas de aves congeladas e também de farinha de trigo; e o setor celulose (-4,9%), que

teve a fabricação de papel e papel-cartão reduzida. Trimestre No índice acumulado para o primeiro trimestre de 2013, a produção fabril no Paraná decresceu 4,6%, contra recuo de 0,5% para o Brasil, e ficou à frente apenas do Espírito Santo (-11,5%) e Pará (-5,7%). A retração foi observada em seis dos 14 segmentos, com destaque para o setor de edição e impressão (-37,4%) e celulose (-5,9%). Em bases trimestrais, o parque manufatureiro regional registrou queda menos intensa em comparação ao quarto trimestre de 2012 (-15,8%), sendo que, dos quatorze setores pesquisados, oito registraram ganho de dinamismo, com destaque para veículos automotores (de -33,4% para 7,2%), edição e impressão (de -61,0% para -37,4%) e máquinas aparelhos e materiais elétricos (de 8,8% para 49,1%). Acumulado Em relação ao acumulado em doze meses, encerrados em março, a indústria paranaense apresentou contração de 7,5%, frente à queda de 2% da indústria nacional. “As quedas registradas em determinadas

atividades da indústria no Paraná são reflexo da redução nas exportações, oriunda da contração da demanda externa, agravada pela crise da Europa, e pelo aumento nas importações, decorrente do câmbio apreciado, que faz com que o setor perca competitividade”, analisa a economista Ana Silvia Martins Franco, técnica do Núcleo de Macroeconomia e Conjuntura, do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes). Ana Silvia também registra que os reflexos da política econômica contra o investimento, aplicada pelo governo federal, e a interferência da base de comparação bastante apreciada dos primeiros meses de 2012, influenciaram no resultado. Na análise da economista, os números de março e do primeiro trimestre de 2013 a tendência de recuperação dos níveis de produção no Estado, influenciados pelo aumento da renda agrícola, proporcionado pela safra recorde e os preços elevados no mercado internacional, além da maturação dos investimentos do Programa Paraná Competitivo

07/05/13

CÂMBIO

07/05/13

DÓLAR COMERCIAL

INDICE BOVESPA Alta: 1,52%

56.274 pontos

Volume negociado: R$ 7,14 bilhões 54.887 55.910 55.321 55.488 55.429 56.274

EURO

Baixa: 0,30% Compra Venda

Baixa: 0,03% Compra Venda

Var. maio: +0,25% R$ 2,006 R$ 2,007

DÓLAR PTAX (Banco Central) Baixa: 0,16% Compra Venda

Estável Compra Venda

DÓLAR PARALELO

29/04 30/04 02/05 03/05 06/05 07/05

Ações Petrobrás PN Vale PNA ItauUnibanco PN Bradesco PN Brasil ON Gafisa ON PDG Realt ON Usiminas ON

% +1,33 +2,39 +2,94 +2,99 +4,27 +4,11 +4,13 +3,88

R$ 20,62 33,05 34,64 33,40 25,41 4,05 2,27 9,90

15.056,20 6.557,30 8.181,78 14.180,24

+0,58 +0,55 +0,86 +3,55

BOLSAS NO MUNDO Dow Jones Londres Frankfurt Tóquio

%

OURO - BM&F 07/05

var. dia R$ 95,00 /grama

IR

-0,11%

MAIO

BASE (R$) Até 1.710,78 De 1.710,79 até 2.563,91 De 2.563,92 até 3.418,59 De 3.418,60 até 4.271,59 Acima de 4.271,59

Alíquota % isento 7,5 15 22,5 27,5

Parc. a deduzir 128,31 320,60 577,00 790,58

Deduções: a) Assalariados: 1-R$ 171,97 por dependente; 2 - pensão alimentícia; 3 - contribuição à Prev. Social; 4 - R$ 1.710,78 por aposentado a partir de 65 anos; 5 - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carne Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.

SELIC/IR IR 2013 - A segunda parcela do Imposto de Renda declarado em 2013 irá vencer em 31/05. Para pagamento até o vencimento há juros Selic de 1,00% MÊS Fev/12 Mar/12

TAXA SELIC 0,49% 0,55%

MÊS Abr/12 *Mai/12

TAXA SELIC 0,61% 1,00%

*No mês corrente a Selic é sempre 1,00% Indicadores Econômicos: elaboração da agência Dossiê:Dinheiro. Fone: (41) 3205-5378

Var. maio: +0,36% R$ 2,57 R$ 2,77

OUTRAS MOEDAS X REAL

Var. maio: 0,00% R$ 1,96 R$ 2,14

Iene Libra esterlina Peso argentino

DÓLAR TURISMO Estável Compra Venda

Var. maio: -0,20% R$ 2,6302 R$ 2,6312

EURO TURISMO

Var. maio: +0,46% R$ 2,0104 R$ 2,0110

Estável Compra Venda

R$ 0,0203 R$ 3,11 R$ 0,39

US$ 1 É IGUAL A:

Var. maio: 0,00% R$ 1,950 R$ 2,110

Iene Libra esterlina Euro

99,00 0,6465 0,7643

ÍNDICES DE INFLAÇÃO Índices em % INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IPCA-15 (IBGE) IPC (FIPE) IPC (IPARDES) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPA-DI (FGV) IPC-DI (FGV) INCC-DI (FGV)

nov 0,54 0,60 0,54 0,68 0,94 -0,03 0,25 0,16 0,45 0,33

dez 0,74 0,79 0,69 0,78 0,40 0,68 0,66 0,74 0,66 0,16

jan 0,92 0,86 0,88 1,15 0,79 0,34 0,31 0,00 1,01 0,65

REAJUSTE ALUGUÉIS Índice INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV)

mar 1,0677 1,0631 1,0829 1,0824

abr 1,0722 1,0659 1,0806 1,0797

Da Assessoria

A Sanepar está implantando o serviço de coleta e tratamento de esgoto em Figueira, no Norte Pioneiro, com a construção de uma Estação de Tratamento (ETE) e assentamento de 6,8

Em todos os nossos projetos, primamos por esta qualidade”

quilômetros de rede coletora. Os investimentos são de R$ 5 milhões e os trabalhos devem ser concluídos em fevereiro de 2014. Para o prefeito de Figueira,

Valdir Garcia, a implantação do serviço de coleta e tratamento de esgoto irá trazer ao município benefícios na área ambiental, sanitária e de saúde pública. “É mais qualidade de vida para a população”, disse o prefeito, que conversou sobre os investimentos da Sanepar com o gerente de Projetos e Obras da Sanepar na Região Nordeste, Luiz Nacayama, com o gerente regional de Cornélio Procópio, Bráulio Leonel, e com o coordenador de investimentos na região, Rafael Nagayama. Na visita ao local da obra, os representantes da Sanepar verificaram que a construção segue um ritmo ágil e dentro dos padrões de qualidade exigidos pela emrpesa. “Em todos os nossos projetos, primamos por esta qualidade”, disse o gerente Luiz Nacayama.

Mercado Agropecuário

Indicadores Econômicos BOVESPA

Com a Estação e mais 6 km de rede, começa o serviço de coleta

mai 1,0730 -

* Correção anual. Multiplique valor pelo fator acima

fev 0,52 0,60 0,68 0,22 0,46 0,29 0,20 0,09 0,33 0,60

mar 0,60 0,47 0,49 -0,17 0,52 0,21 0,31 0,12 0,72 0,50

abr 0,55 0,28 0,15 -

ano 2,05 1,94 2,58 1,47 1,78 0,98 0,81 0,21 2,07 1,76

12m 7,22 6,59 6,51 5,37 7,30 7,97 8,78 6,16 7,18

OUTROS INDICADORES mar BTN + TR 1,570040 TJLP (%) 5,00 Sal. mínimo 678,00 FGTS (%) 0,2466 TAXA SELIC ANUAL: 7,50%

PREVIDÊNCIA

abr 1,570040 5,00 678,00 0,2466

mai 1,570040 5,00 678,00 -

COMPETÊNCIA ABRIL

Vencimento: empresas 20/5 e pessoas físicas 15/5. Após multas de 4% a 100% e juros (Selic)

Empresário/empregador

Facultativo

Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 678,00 (R$ 74,58) e R$ 4.159,00 (R$ 457,49), através de GPS.

Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 678,00 (R$ 135,60) e R$ 4.159,00 (R$ 831,80), através de carnê.

Autônomo

Assalariados

1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 678,00 (R$ 135,60) a R$ 4.159,00 (R$ 831,80). 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% sobre o máximo de R$ 4.159,00 (R$ 457,49) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: desconto de 11% sobre as jurídicas, até R$ 4.159,00 (R$ 457,49). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 4.159,00. 4) Aut. especial: sobre R$ 678,00, recolhe 5% (donas de casa, Lei 12.470/2011) ou 11% (demais especiais), mas a aposentadoria é por idade.

Salários até 1.247,70 de 1.247,71 até 2.079,50 de 2.079,51 até 4.159,00

8,00% 9,00% 11,00%

Empregados domésticos Empregado Empregador Total

Alíquota % 8 a 11 12 20 a 23

R$ mín 54,24 81,36 135,60

R$ máx 457,49 499,08 956,57

SALÁRIO FAMÍLIA - MAIO/2013 Salário de até R$ 646,55 Salário de R$ 646,55 a 971,78

R$ 33,16 R$ 23,36

POUPANÇA, TR

LOTES - ATACADO

Poupança antiga: depósitos até 03/05/12 Nova poupança: dep. a partir de 04/05/12

POUP. ANTIGA

% 0,50 0,50

Abril/13 Maio/13

NOVA POUP. Índice

fev mar 0,4134 0,4134

TR MÊS

% 0,00 0,00

Abril/13 Maio/13 Período 27/3 a 27/4 28/3 a 28/4 1/4 a 1/5 2/4 a 2/5 3/4 a 3/5 4/4 a 4/5 5/4 a 5/5 6/4 a 6/5 7/4 a 7/5 8/4 a 8/5 9/4 a 9/5 10/4 a 10/5 11/4 a 11/5 12/4 a 12/5 13/4 a 13/5 14/4 a 14/5 15/4 a 15/5 16/4 a 16/5 17/4 a 17/5 18/4 a 18/5 19/4 a 19/5 20/4 a 20/5 21/4 a 21/5 22/4 a 22/5 23/4 a 23/5 24/4 a 24/5 25/4 a 25/5 26/4 a 26/5 27/4 a 27/5 28/4 a 28/5 1/5 a 1/6 2/5 a 2/6

POUP ANTIGA 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000

ano 2,02 2,53

SOJA - saca 60kg 12 m 6,25 6,20

abr mai 0,4134 0,4273 ano 0,00 0,00

POUP NOVA 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273 0,4273

12 m 0,07 0,02 TR 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

CUB PARANÁ Fonte: Sinduscon/PR e Sinduscons regionais R$/m2 MAR ABR %m %ano %12m Paraná 1.083,96 1.086,25 0,21 1,03 8,42 Norte 1.018,86 1.013,26 -0,55 -1,23 3,64 Noroeste 1.058,44 1.060,80 0,22 1,07 7,26 Oeste 1.075,44 - 0,47 0,77 7,47

SAL. MÍNIMO - PARANÁ Grupo 1 R$ 882,59 Trab.s na agricultura. Grupo 2 R$ 914,82 Serviços administrativos, domésticos e gerais, vendedores e trab. de reparação.

07/05/13

Grupo 3 R$ 949,53 Trab. produção de bens e serviços industriais Grupo 4 R$ 1.018,94 Técnicos nível médio. *Valores válidos de maio/2013 a abril/2014

PRAÇA Paranaguá Ponta Grossa Maringá Cascavel Sudoeste Guarapuava

TRIGO - saca 60kg R$ 58,50 56,50 55,00 54,50 55,50 55,50

SEM -3,3% -0,9% -1,8% -0,9% 0,0% 0,0%

30 d. 1,7% 3,7% 2,8% 2,8% 3,7% 3,7%

26,00 23,00 21,50 22,50 22,00 22,50

2,0% 4,5% 4,9% 4,7% 4,8% 2,3%

8,3% 0,0% -4,4% 2,3% -2,2% 2,3%

MILHO - saca 60kg Paranaguá Sudoeste Cascavel Maringá Ponta Grossa Guarapuava

PRAÇA Curitiba Ponta Grossa Maringá Cascavel

R$ 45,30 45,00 45,00 44,50

SEM 4,1% 4,2% 4,2% 3,5%

30 d. -0,4% 0,0% 0,0% 0,0%

INDICADORES CEPEA/ESALQ PRODUTO Bezerro (1) Boi gordo (2) Café (3) Algodão (4)

R$ 777,78 97,96 303,97 199,68

DIA -0,22% 0,19% -0,59% 0,10%

MÊS -0,84% -1,32% 3,99% -1,19%

1- preço médio no MS, unidade de 8 a 12 meses; 2 -média à vista da arroba no Estado de SP; 3 - valor à vista saca 60kg posto SP Capital, arábica, bica corrida, tipo 6; 4 - em pluma, cent/R$ por libra peso (453 gr), posto SP Capital.

Soja, milho e trigo: fonte Dossiê:Dinheiro; Cepea/Esalq: mais informações em www.cepea.esalq.usp.br

PREÇO AO PRODUTOR Produto

07/05/13

unidade

média var. var. var. PR - R$ diária 7 dias 30 dias SOJA saca 60 kg 51,27 -0,9% -2,3% 0,7% MILHO saca 60 kg 19,53 0,4% -1,4% -1,5% TRIGO saca 60 kg 39,07 0,0% 0,3% -0,4% FEIJÃO CAR. saca 60 kg 216,23 -0,5% 1,5% 11,7% BOI GORDO arroba, em pé 97,47 -0,2% -0,3% -0,5% SUÍNO kg, vivo 2,60 0,0% -1,5% -10,3% FRANGO kg, vivo 1,88 -0,5% 0,0% -9,2% CAFÉ BEN. beb. dura, 60kg 275,55 1,0% -0,4% -0,7% CAFÉ kg, em coco 4,41 2,6% -0,2% -1,6% Fonte: Sima/Deral/Seab. Os preços nas praças referem-se aos valores “mais comuns” apurados

C.Proc. R$ 50,50 19,00 38,00 97,00 2,30 270,00 4,35

Jacar. R$ 50,50 19,00 94,00 2,30 1,90 280,00 4,30

MERCADO FUTURO BOLSA DE CHICAGO (CBOT) SOJA Cont. mai/13 jul/13

07/05/13 MILHO

- US$cents por bushel (27,216 kg)

FECH. 1.463,50 1.382,25

*DIF. 1 SEM. 19,00 -0,3% 13,00 -1,2%

1 MÊS 7,5% 2,9%

416,30 403,30

3,20 2,10

Cont. mai/13 jul/13

FECH. 676,50 640,00

*DIF. 1 SEM. -2,25 -1,0% 3,50 -1,5%

1 MÊS 7,6% 3,6%

TRIGO - US$cents por bushel (25,4 kg)

FARELO - US$ por tonelada curta (907,2kg) mai/13 jul/13

- US$cents por bushel (25,4 kg)

-2,8% -2,7%

6,3% 3,3%

mai/13 jul/13

699,50 709,00

6,50 6,75

-3,1% -3,0%

0,1% 0,7%

*Diferença sobre dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 na soja, milho e trigo e US$ 1,00 no farelo

BOLSA DE NOVA YORK (NYBOT) CAFÉ Cont. mai/13 jul/13

- US$cents/libra peso (0,453 kg)

FECH. 142,30 142,70

*DIF. 1 SEM. 0,95 5,4% 0,95 5,6%

1 MÊS 1,5% 0,1%

07/05/13 ALGODÃO

- US$cents/libra peso (0,453 kg)

Cont. mai/13 jul/13

FECH. 86,01 87,15

*DIF. 1 SEM. 0,70 0,6% -0,24 -0,4%

1 MÊS -0,9% -1,6%

*Diferença s/ dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 no café e algodão.

BOLSA DE MERCADORIAS DE SÃO PAULO (BM&F) SOJA FINANCEIRO - US$ saca 60 kg Cont. jul/13 nov/13

FECH. 29,92 26,80

MÊS *DIF. 1 SEM. 9,9% 5,9% 0,15 -1,5% -5,2% 0,03

BOI GORDO - R$/arroba mai/13 jun/13

95,95 96,30

07/05/13

MILHO - R$/saca 60 kg Cont. mai/13 jul/13

FECH. 25,37 24,75

*DIF. 1 SEM. MÊS 0,18 2,8% -0,1% 0,10 -0,2% -2,9%

CAFÉ - US$/saca 60 kg (arábica) -0,93 -0,50

-0,9% -1,2% -0,1% -1,1%

mai/13 jul/13

166,85 173,65

1,70 0,40

7,9% 6,4%

1,4% 4,2%


Cidades A-5

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Mudança de feira livre volta a ser discutida após recomendação do MP

S.A.PLATINAFeira ameaça segurança de alunos em escola e comissão é eleita para estudar solução Aline Damásio

O transtorno causado pela feira livre em Santo Antonio d a Pl at ina tornou a ser discutido entre representantes de estabelecimentos, órgãos públicos e o Ministério Público. O assunto voltou a tona após o MP enviar um documento à prefeitura recomendando uma mudança de l o c a l d e f u nc i oname nto d a fe i r a , qu e há mu ito s anos é montada na avenida Oliveira Mott a, b em no centro da cidade, às noites de terça-feira e nas manhã de sábado. A recomendação partiu após a diretoria da Escola Estadual Santa Terezinha recorrer ao órgão alegando diversos problemas causados pela feira, como o bloqueio das duas principais saídas do estabelecimento, que coloca em risco a segurança dos alunos. “Nossas crianças estão sendo expostas à venda de bebidas alcoóli-

cas e à violência, pois são obrigadas a atravessar toda a feira sozinhas. Os pais não conseguem chegar até à escola com o tumulto. Isso ocorre também com o socorro. Outro dia uma aluna precisou de atendimento do Corpo de Bombeiros, que teve atravessar toda a feira de maca, pois a ambulância não conseguia chegar até a porta da escola”, relata a diretora Irma Beatriz Gomes Vieira. O barulho que atrapalha as aulas, o bloqueio da saída dos alunos, a falta de est acionamento p ara o transpor te escolar e a fumaça causada pelas barracas de assados e frituras são outros transtornos citados pela diretora, que afirma que a retirada da feira é uma reivindicação antiga da escola, que conta com mais de 500 alunos. “Já f izemos abaixo-assinado entre os pais, protocolamos vários pedidos na prefeitura e como nada foi feito levamos o caso

Obstrução de porta de escola é apenas um dos problemas da localização de feira livre

mais u ma ve z à just i ç a . Não somos contra os feirantes, eles tem o direito de trabalhar, mas o transtorno tem causado muitos prejuízos. Apesar de várias tentativas de negociações até diretamente com os feirantes, nada muda”, afirma Beatriz.

GRIPE

A recomendação de retirada da feira livre da avenida Oliveira Mota foi enviada à prefeitura no dia 29 de janeiro deste ano. Até o momento uma comissão para avaliar o assunto ainda está sendo formada. Segundo o diretor do departamento de transportes

Orlando Pimentel a comissão possui membros, mas ainda não possui presidência. “Estamos convidando representantes de várias entidades para discutirmos a situação da feira livre. É um assunto de extrema importância e envolve vários setores da sociedade

por isso necessitamos de maior representatividade, i n c l u s i v e d e f e i r a nt e s”, afirma. O vereador Francisco de Proença (PPS), o Chiquinho da Net, também integra a comissão e afirma que qualquer mudança feita na feira livre de ve s e r d i s c ut i d a ju nt o a o s fei r antes. “E ste assunto deve ser debatido e avaliado por todos os setores envolvidos, inclusive com a população. O caso foi levado à prefeitura, mas não é cer to um de creto resolver uma mudança desta proporção, como já aconteceu em anos anteriores. É necessária uma organização e ava liação de todas as consequências, inclusive com a organização de uma audiência pública”, afirmou. Na próxima terça-feira, 14, uma reunião entre os feirantes deve definir qual será o representante da classe que irá participar da comissão que irá avaliar as mudanças na feira livre.

HOMENAGEM

Região imuniza 84% e supera Ratinho Júnior recebe título de cidadão meta de vacinação contra gripe honorário em Siqueira Campos

Homenagem a Ratinho partiu de vereadores da legislação anterior Maurício Reale com assessoria

Mais de 60 mil pessoas receberam a vacina contra a gripe na região Aline Damásio

A C a m p a n h a d e Va cinação Contra Gripe se encerra hoje em todo país e a região alcançou a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde superando a imunização de 80% do público alvo. Nos 22 municípios pertencentes à 19ª Regional de Saúde quase 60 mil pessoas receberam doses da vacina, 84% da população que compõe o grupo de risco designado à campanha. A campanha teve início em abril e foi destinada a idosos acima de 60 anos, gestantes, profissionais de saúde e crianças de seis meses a dois anos. Neste ano t amb é m for am d is ponibilizadas doses para mães de recém-nascidos e m p u e r p é r i o, q u e é o período de 45 dias após o parto, para pessoas que s of re m d e d o e nç a s c rô nicas ou de risco clínico. Segundo a chefe da seção de epidemiologia da

19ªRS Andreia Ferdim, a ampliação dos grupos de risco dificultou o cumprimento da meta da campanha. “O público alvo era

Teremos o número exato da vacinação na próxima segunda-feira, quando os dados estarão compilados. Aqueles que não foram vacinados ainda tem hoje, último dia da campanha”

muito maior, tivemos de fazer uma campanha mais i nte ns a , mas fel i z me nte alcançamos a meta, graça a conscientização da po-

pulação, principalmente os idosos, que compareceram a vacinação”, afirmou. Segundo Andreia, como ainda não foram registrados os dados de todas as secretarias de saúde, a taxa de cobertura da vacina ainda pode aumentar. “Teremos o número exato da vacinação na próxima segunda-feira, quando os dados estarão compilados. Aq u e l e s q u e n ã o f o r a m vacinados ainda tem hoje, último dia da campanha”, alerta. Município mais populoso da região, Santo Antonio da Platina também atingiu a meta de vacinação contra a gripe. Até o início desta semana foram vacinadas 6,6 mil de pessoas, o que representa 85% do público alvo da campanha. Em todo estado meta de vacinação também foi alcançada logo no início da semana com 1,7 milhões de p ess o as vacinad as, o que representa 80% do público alvo da campanha.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Urbano do Paraná, Ratinho Junior recebe hoje, às 9 horas, no Clube Recreativo Arco Íris, em Siqueira Campos, o título de Cidadão Honorário do município. A entrega será feita durante a 6ª sessão ordinária da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi). A assessoria da Câmara de Vereadores de Siqueira Campos

informou que a homenagem foi requerida por um vereador da legislatura anterior, mas não informou o nome nem o motivo da homenagem, porém, para o presidente da Amunorpi e prefeito de Tomazina, Guilherme Curi Saliba Costa (PSD), a homenagem é um reconhecimento pelo trabalho do político quando ocupava uma cadeira na Câmara Federal e também no recente período em que comanda a pasta do Desenvolvimento Urbano em benefício da

população de Siqueira Campos. Durante a sessão ordinária também serão debatidos temas ligados ao esporte com o secretário estadual da pasta, Evandro Rogério Roman. Um dos assuntos que deverão ser debatidos durante a reunião entre os prefeitos e o secretário é a realização dos Jogos Abertos do Norte Pioneiro (Janp’s), comparticipação de 45 municípios da Amunorpi e da Associação dos Municípios do Norte do Paraná (Amunop).

JACAREZINHO

Festa da paróquia São José do Operário vai sortear cinco motos Da Redação

A festa em louvor a São José do Operário, que teve início dia 30 abril, chega ao seu auge neste domingo, com o Show de Prêmios, às 15 horas, quando serão sorteadas cinco motos Fan 125 zero quilômetro. Cada cartela custa R$ 20,00. A paróquia fica na Vila Setti, em Jacarezinho, e já existe há 43 anos. Segundo o padre Celso Miquelli, a festa em louvor a São José é tradicional. “Há um projeto de reforma e ampliação da paróquia. O dinheiro arrecadado na festa será

investido nas obras. É um sonho antigo do padre C h i q u i n h o, e q u e , c o m e s f o r ç o, c o n s e g u i r e m o s realizá-lo”, afirmou. Para o padre Celso, o show de prê m i o s d e ve at r ai r u m bom público no domingo. “O gan hadores d a moto ainda levarão o capacete de presente”, disse entusiasmado. No local ainda haverá barracas de espetinhos e refrigerantes. A Fest a do padro eiro d a p a r ó q u i a d e s t e a n o, teve início dia 30 de abril, com um jantar dançante; no dia primeiro de maio, foi realizada a missa do

padroeiro; no sábado, 4, quermesse e no domingo, almoço mineiro, no salão paroquial. No s áb ado, 11 , quermesse a partir das 20 horas.

www.labdiniz.com.br e-mail: labdiniz@uol.com.br

Fone/fax: 43 3527.1126

Rua Cel. Cecília Rocha, 300 Jacarezinho - PR


A-6 Cotidiano

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Nove anos depois, réus são absolvidos de assassinato

Luiz Guilherme Brandani

S.A.PLATINATribunal do Júri acolheu tese de legítima defesa e não condenou Tiago Henrique da Silva e Erivelto Aparecido da Costa

Alessandra e Santos, primos de Cunha (detalhe) se revoltaram com a absolvição

do com o Ministério Público, depois de levá-lo uma quadra distante em direção a casa dele, a dupla teria voltado para se vingar de Cunha. Os dois negaram a acusação, alegando que apenas voltaram para a lanchonete sem a intenção de brigar. Durante a segunda briga, Costa acertou a vítima com uma paulada enquanto Silva desferiu uma facada nas costas. Silva relatou que quando voltou, para buscar uma camiseta, foi abordado por Cunha que o prendeu pelo pescoço com o braço. Mais fraco, ele viu uma faca de serra da lanchonete na mão de Cunha. “Minha única reação foi me defender, consegui tomar a faca dele e, por instinto, o golpeei, sem a intenção de matá-lo”, contou. O promotor de Justiça, Leônidas da Silva Neto, encontrou contradição entre os depoimentos dos dois réus. Enquanto Silva relatou que deixou Elias a uma quadra e voltou para buscar uma camiseta, Costa disse que eles levaram Elias até a casa dele e que voltaram para encontrar duas meninas que conheceram.

SEGURANÇA

FRAUDE

Celso Felizardo

O Tribunal do Júri da Comarca de Santo Antônio da Platina julgou ontem o assassinato de Fábio José Estevan, 24 anos, o Cunha, que morreu em 2 de fevereiro de 2004, após uma briga em uma lanchonete na Rua 13 de Maio, na Vila São José, em Santo Antônio da Platina. Tiago Henrique da Silva e

Erivelto Aparecido da Costa, o Eri, ambos com 28 anos hoje e 18 na época, foram absolvidos da acusação de matar a vítima com uma paulada e um golpe de faca. A defesa conseguiu convencer o júri de que houve legítima defesa. A confusão teria começado com um desentendimento entre Cunha e o lavador de carros Elias de Paula. No iní-

cio da madrugada, Elias de Paula foi urinar atrás de uma árvore, próximo da Lanchonete Gigabyte, quando Cunha, incomodado, achando que ele estaria se insinuando para sua mulher, se aproximou e o agrediu com chutes e socos. Os dois estavam embriagados. Neste momento, Silva e Costa separaram a briga para ajudar o colega, Elias. De acorLuiz Guilherme Brandani

Operação policial captura 303 pessoas no Paraná

AEN

Tiago e Erivelto foram absolvidos após quase seis horas de júri

Elias de Paula, que depôs como informante, contou que Cunha era violento e chegava a coagir as pessoas para conseguir dinheiro para beber. Os réus também relataram a fama violenta de Cunha. Os advogados Jacir Furtado (Silva) e Edson Zanetti (Costa) defenderam que houve legítima defesa no caso. Zanetti minimizou a importância da contradição, dizendo que o motivo deles terem voltado na lanchonete pode variar. “É irrelevante se o retorno se deu por uma camiseta ou pelas garotas, o que importa é que eles não voltaram com o objetivo

de matar a vítima”. Os réus, que aguardavam nervosos a sentença, tiveram um momento de alívio. “Não vou comemorar, porque uma coisa triste assim não é motivo para isso, mas posso dizer que tirei um peso das costas”, declarou Costa. Por outro lado, Alessandra Morais e José Roberto dos Santos, primos de Cunha, assistiram ao julgamento em clima se apreensão e se revoltaram com o resultado. “Não era isto que esperávamos. Tantos anos de agonia para terminar assim, mais um crime bárbaro que fica impune”, reclamou Alessandra.

Formol presente em leite contaminado é cancerígeno Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou comunicado ontem alertando que o consumo de leite com presença de formol não é seguro. O alerta foi publicado em decorrência da Operação Leite Compen$ado, deflagrada pelo Ministério da Agricultura em parceria com o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS), que descobriu a adição de água e ureia para aumentar o volume do leite. Transportadores do produto foram apontados como os responsáveis pela fraude. De acordo com a Anvisa, o formol ou formaldeído é toxico se ingerido, inalado ou se tiver contato com a pele e é considerado cancerígeno pela Agência Internacional

de Pesquisa do Câncer (Iarc) desde junho de 2004. Segundo a agência reguladora, mesmo em pequenas concentrações, o formol apresenta risco à saúde, “pois a substância não possui uma dose segura de exposição”. A substância foi encontrada no leite adulterado. No entanto, o informe técnico apontou que a ureia, em doses razoáveis, causa pouca ou nenhuma toxicidade para seres humanos. Isso porque a ureia não causa preocupação para a saúde humana, mas é usada para maquiar a quantidade de proteína no leite. A Anvisa recomenda aos consumidores que tenham em casa produtos dos lotes fraudados que não os consumam por haver risco à saúde. As fabricantes produtoras do leite UHT adulterado foram submetidas ao Regime

Especial de Fiscalização e estão impedidas de vender os produtos. A proibição é valida até que correções sejam aprovadas e que três amostras consecutivas apresentem resultados laboratoriais dentro dos padrões. Com o crime, transportadores lucravam 10% a mais do que os 7% já pagos sobre o preço do leite cru, em média R$ 0,95 por litro. O total de leite movimentado pelo grupo, no período de um ano, chega a 100 milhões de litros. Mais de 100 toneladas de ureia foram compradas pelos envolvidos. Além do Rio Grande do Sul, outros estados serão investigados para saber se também houve adulteração no leite. O foco inicial da operação foi a Região Sul, onde existe a figura do transportador de leite.

Valeria Padovani, delegada titular do Grupo Auxiliar Financeiro da Polícia Civil Agência Estadual de Notícias

A Políci a Civ i l re a lizou uma megaoperação em todo o Paraná e capturou 303 pessoas ontem. A ação aconteceu simultaneamente em todo o País para cumprir mandados de prisão. A operação foi desenvolvida p elo C ons elho Nacional dos Chefes de Polícia, em comemoração aos 205 anos de fundação da primeira Polícia Civil, fundada em 10 de maio de 1808, no Rio de Janeiro. Do total de pessoas presas no Estado, 15 são menores. Também foram apreendidos 25 armas, 1,3 quilo de maconha, 470 gramas de crack, 170 gramas de cocaína e R$

Muito embora haja autonomia das polícias civis estaduais, a integração só vem a fortalecer as instituições no combate ao crime”

17.513 resultante do tráfico de drogas. Foram cumpridos 105 mandados de busca e apreensão e recuperados 12 veículos no Paraná. “O objetivo da operação é fortalecer as instituições

e mostrar que unidas elas podem ser cada vez mais ef icientes no comb ate à criminalidade”, disse o delegado-geral da Polícia Civil do Paraná, Marcus Vinicius da Costa Michelotto, lembrando que a Polícia Civil paranaense completa 160 anos no próximo mês de setembro. “Ess a op eração bus ca mostrar o aprimoramento no combate à criminalidade. Muito embora haja autonomia das polícias civis estaduais, a integração só vem a fortalecer as instituições no combate ao crime”, explicou a delegada Valéria Padovani, titular do Grupo Auxiliar Financeiro da Polícia Civil.

CAMPOS GERAIS

Policiais procuram 15 fugitivos do cadeião de Ponta Grossa Gazeta do Povo

Policiais civis e militares de Ponta Grossa (Campos Gerais) trabalham na tentativa de recaptura de 15 presos que continuam desaparecidos desde a noite desta quarta-feira (08), quando ocorreu uma fuga no minipresídio Hildebrando de Souza (bairro Colônia Dona Luíza). Dos 18 fugitivos, apenas três foram recapturados até o início da tarde desta quinta-feira (9). Um deles foi baleado e ainda

está internado num hospital da cidade. Os outros dois já foram reconduzidos para o minipresídio. O vice-diretor da unidade, Everton Rodrigues dos Santos, afirma que os fugitivos estavam abrigados num corredor. “Como vivemos um quadro de superlotação, as portas das celas da galeria em que eles estavam ficam abertas, assim os presos contam com um espaço a mais no corredor”, relata. Segundo ele, os presos escavaram um buraco cuja

saída ficava numa residência ao lado da cadeia. “Os agentes notaram uma movimentação estranha e o trabalho de busca começou logo em seguida”, afirma. O Hildebrando de Souza tem 532 presos, mais que o triplo da capacidade para que foi planejado: 172 pessoas. Entre os dias 19 e 20 de abril, o “cadeião”, como também é conhecido, tinha passado por uma rebelião de 18 horas de duração em que três agentes carcerários foram feitos reféns.


Esporte A-7

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

UENP promove 13º Maratona de Natação

Divulgação

TORNEIOQuinhentos acadêmicos dos cursos de Educação Física, Fisioterapia e Direito participaram da competição Tiago Angelo

O Centro de Ciências da Saúde (CCS) da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), Campus Jacarezinho, realizou a 13º Maratona de Natação da Instituição. O evento, organizado pelos alunos do 4º ano de Educação Física e pela professora Kátia Ferreira, aconteceu na quarta-feira, 08, na piscina do CCS. Cerca de 500 alunos dos cursos de Educação Física, Fisioterapia e Direito da UENP, além da comunidade jacarezinhense, participaram da Maratona. No início das provas, o professor e vice-reitor Rinaldo Bernardelli Junior, a professora Melissa Nunes e a ex-aluna de Fisioterapia Natália Paludo fi-

zeram demonstração das quatro modalidades de natação: peito, costas, borboletas e craw, momento em que puderam exemplificar as características de cada um dos nados. A competição foi disputada com três provas coletivas, com revezamento masculino, feminino e misto em cinco raias: uma para Fisioterapia, outra para Direito e outras três para o 1º, 2º e 3º anos do curso de Educação Física. Nas provas, a equipe que levou a melhor foi o 2º ano de Educação Física que concluiu 106 piscinas e ficou em 1º lugar pelo segundo ano consecutivo. O curso de Direito ficou em 2º lugar na competição com 98 piscinas; o 3º (96 piscinas) e 4º (95 piscinas) lugares

MUNDO DA BOLA

Cerca de 500 acadêmicos da UENP do Campus Jacarezinho participaram do evento

ficaram com os alunos do 1º e 3º anos de Educação Física, resp ectivamente. Fisioterapia totalizou 94 piscinas e terminou na última colocação. O critério de desempate dentre as provas foi o número de piscinas válidas no nado misto. O diretor do CCS Fábio Antonio Neia Martini abriu a Maratona parabenizando os acadêmicos e a professora Kátia Ferreira pela iniciativa na realização da Maratona, e agradeceu a presença dos professores

e comunidade que prestigiaram o evento. Fábio ressaltou que “A Maratona é uma forma de possibilitar a integração entre os alunos da UENP do Campus Jacarezinho, uma socialização p or me i o d a pr át i c a d o esporte aquático”. Participaram do evento, além dos acadêmicos dos Centros de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA) e de Ciências da Saúde, professores do CCS e a diretora do Campus Jacarezinho, Ilca Maria Setti. Rinaldo Bernardelli, idea-

Real Madrid vai pagar R$ 315 mi por Neymar, diz jornal Das Agências

Após fracassar na temporada, ficando sem o título da Liga dos Campeões e com uma possibilidade muito pequena de conquistar o Campeonato Espanhol, o Real Madrid prepara uma oferta monstruosa para se reforçar com Neymar. Segundo o jornal El Mundo Deportivo, a equipe merengue já teria separado 120 milhões de euros (cerca de R$ 315 milhões) para tirar o craque do Santos. O clube da capital espanhola, inclusive, já teria enviado um emissário ao Brasil para tratar da nego-

ciação com o pai de Neymar, que cuida de sua carreira, de acordo com informações da rádio Cadena Ser. Para a imprensa espanhola, o dinheiro que o Real pretende oferecer pelo atacante da seleção br a s i l e i r a t or n ar i a " i m possível" um negócio com o Barcelona, que também pretende contar com o camisa 11. A contratação de Neymar também é vista como a grande cartada do mandatário Florentino Pérez para conquistar a reeleição para a presidência dos blancos. O prestígio de Pérez, para a mídia ibéria, ficou muito abalado com os sucessi-

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA Nº 180/2013 Art. 1º O Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná usando de suas atribuições legais e em especial o Art. 147, inciso II e Art.150, da Lei Municipal nº 1.191/2001, que dispões sobre o Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Cambará, CONVOCA a servidora MARIA DENIZE BORGES, matrícula 20771, lotada na Secretaria Municipal de Educação e Cultura, na função de Agente Operacional II, sob o vínculo efetivo, para comparecer no Departamento de Recursos Humanos da Prefeitura Municipal localizada na Avenida Brasil nº 1.082, centro, no prazo de 10 (dez) dias após a publicação desta Portaria, afim de que apresente suas justificativas por se ausentar do cargo há mais de 30 dias, que poderá ser feita pessoalmente ou por intermédio de advogado. Art. 2º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. Publique-se, registre-se e cumpre-se. Gabinete do Prefeito, 09 de maio de 2013. João Mattar Olivato Prefeito Municipal de Cambará PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ ADJUDICAÇÃO E HOMOLOGAÇÃO PROCESSO ADMINISTRATIVO 693/2013 PREGÃO PRESENCIAL REGISTRO DE PREÇOS 07/2013 AQUISIÇÃO DE SOROS E REAGENTES O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ-PR, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei, e do disposto no art. 43, VI, da Lei Federal nº 8.666/93, HOMOLOGA o resultado da licitação, ADJUDICANDO os objetos descritos no anexo I do edital e mapa de lances, à licitante: LARISMED IND. E COM. DE MATERIAIS MÉDICOS E HOSPITALARES LTDA, os seguintes itens e valores: 01=R$ 1,8430; 02=R$ 2,0520; 03=R$ 2,2800; 04=R$ 3,5245; 05=R$ 2,5460; 06=R$ 2,0995; 07=R$ 2,3275; 08=R$ 3,5245; 09=R$ 1,8050; 10=R$ 2,6125; 11=R$ 3,6575; 12=R$ 2,4035 e 13=R$ 3,5910. Cambará 02 de maio de 2013. JOÃO MATTAR OLIVATO PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ

vos fracassos dos merengues nas últimas Ligas dos Campeões. Ainda segundo o El Mundo Deportivo, o que pode complicar a negociação entre Neymar e Real seria uma suposta compensação que o Barcelona teria que receber por já ter adiantado dinheiro ao Santos para contratar o atacante. O jornal catalão afirma que o time azul-grená pagou 10 milhões de euros ao Peixe como "sinal" para facilitar o negócio com o atleta. Caso o time de Madri atravessasse o negócio, o Barça teria que ser compensado com 50 milhões de euros. PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ Portaria Nº 135 de 09 de Maio de 2013. A Prefeita Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei. RESOLVE: I – REVOGAR o ato administrativo que autorizou o pagamento de vantagens com reflexos em horas-extras percebidos em razão da utilização da licença-prêmio do servidor Francisco Pimentel de Oliveira. II – O Departamento de Pessoal deverá adotar os procedimentos do art. 74 da Lei Municipal 12/93 quanto aos procedimentos necessários. III - Revoga-se as disposições em contrário. III - Registre-se e publique-se. Gabinete da Prefeita, aos 09 dias do mês de Maio do ano de 2013. MARIA DE LOURDES FERRAZ YAMAGAMI Prefeita Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ EXTRATO DA ATA O Município de Cambará, Estado do Paraná, em conformidade com o resultado do pregão abaixo relacionado e devidamente homologado, RESOLVE, nos termos da Lei nº 8.666/93, e das demais leis aplicáveis, torna público o EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS: LARISMED IND. E COM. DE MATERIAIS MÉDICOS E HOSPITALARES LTDA, os seguintes itens e valores: 01=R$ 1,8430; 02=R$ 2,0520; 03=R$ 2,2800; 04=R$ 3,5245; 05=R$ 2,5460; 06=R$ 2,0995; 07=R$ 2,3275; 08=R$ 3,5245; 09=R$ 1,8050; 10=R$ 2,6125; 11=R$ 3,6575; 12=R$ 2,4035 e 13=R$ 3,5910. Cambará 08 de maio de 2013. JOÃO MATTAR OLIVATO PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ PORTARIA Nº 133, de 03 de maio de 2013. Maria de Lourdes Ferraz Yamagami, Prefeita Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, RESOLVE: I – Designar, o servidor RICARDO JOSÉ DE CARVALHO, portador do RG. 6..795.497-1 e CPF. 005.704.219-50 para responder como Gerente da Unidade Gestora de Convênios e Programas – UGCP, a partir desta data. II – Revogam-se as disposições em contrário. lII – Registre-se e publique-se. Gabinete da Prefeita Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, aos 03 dias do mês de maio de 2013. Maria de Lourdes Ferraz Yamagami Prefeita Municipal

lizador da Maratona quando diretor da antiga FAEFIJA, parabeniza a todos pela realização do evento que, de acordo com ele, aconteceu com muito sucesso. O vice-reitor, que nadou pela equipe do 2º ano de Educação Física, salienta que a cada ano que passa a Maratona de Natação tem se firmado como um evento dentro do CCS. Rinaldo disse que “Enquanto eu for professor da UENP, participarei da Maratona nadando por alguma equipe como sempre fiz”.

N OTAS Colégio eleitoral Um dos principais opositores de José Maria Marin quando o cartola assumiu a CBF, Rubens Lopes, presidente da federação do Rio, já está do lado do comandante da confederação. O carioca foi convidado por Marin para representar a CBF no Congresso da Fifa, em Maurício (África), no fim do mês. Rubens será um dos três membros da entidade no encontro --o presidente da CBF e um outro cartola, a definir, integram o grupo. Alicerce O apoio da federação do Rio é considerado importante para eleger Marco Polo Del Nero presidente da CBF, em 2014. Davi... O Cr i c iú ma g an hou uma ação do Corinthians e vai receber uma indenização de R$ 38,7 mil. ...e Golias Os catarinenses, formadores de Douglas, entraram com ação pedindo um percentual da negociação que levou o meia do Grêmio para o Corinthians. Jurisprudência "Trata-se de uma decisão muito importante para os clubes formadores do país, pois os legitima a buscar, em transferências nacionais, um direito que já estava consagrado em transferências internacionais", diz Eduardo C arle zzo, advogado do Criciúma na ação, sobre os direitos dos clubes formadores. Lotação Já foram vendidos 30,5 mil ingressos para a primeira final do Paulista --todos comercializados pela internet, desde o final da tarde de segunda-feira. O montante inclui bilhetes destinados aos torcedores de Corinthians e Santos. Caso as últimas entradas não se esgotem hoje, elas estarão disponíveis apenas amanhã para compra no Pacaembu.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ Decreto Nº 29, de 09 de Maio de 2013. Maria de Lourdes Ferraz Yamagami, Prefeita Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por Lei. Decreta: Artigo 1º - Fica nomeada a partir desta data, no Cargo de Provimento Efetivo do Quadro de Pessoal do Município de Abatiá, a candidata aprovada no Concurso Público Municipal, homologado pelo Decreto nº 29, de 05 de Julho de 2012, como segue: a)- Cargo – Psicólogo Larucia Oliveira Casado de Lima, portadora do RG nº 7.734.199-4 SSP/PR e do CPF nº 040.805.699-12. Artigo 2º - Revogam-se as disposições em contrário. Artigo 3º - Registre-se e publique-se. Gabinete da Prefeita, aos 09 dias do mês de Maio de 2013 MARIA DE LOURDES FERRAZ YAMAGAMI Prefeita Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ EXTRATO DO CONTRATO DE FORNECIMENTO SOB N.º 142013 PREGÃO PRESENCIAL N.º 07-2013 CONTRATANTE: Município de Cambará – Paraná. CONTRATADA: LARISMED IND. E COM. DE MATERIAIS MÉDICOS E HOSPITALARES LTDA inscrito no CPNJ sob o nº 03.860.740/0001-96. OBJETO: Constitui objeto deste instrumento, a compra para entrega parcelada de Soros e Reagentes. VALOR CONTRATUAL: R$ 133.209,00 (cento e trinta e três mil e duzentos e nove reais). DURAÇÃO: 12 (doze) meses, a contar na data de assinatura. DATA DA ASSINATURA DO CONTRATO: 02/05/2013 Cambará 08 de maio de 2013. JOÃO MATTAR OLIVATO PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 228/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, decreta: Art.1º - DESIGNA, a partir de 10 de maio de 2013, o Senhor ELCIO BAPTISTA DE ALMEIDA, Diretor do Departamento de Planejamento, a responder, interinamente, pela Secretaria Municipal de Planejamento, Serviços e Obras Públicas. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL Dr. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 09 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal


cmyb

A-8 Agronegócio

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Produção brasileira de grãos deve crescer 14,2%, estima IBGE AGRICULTURA Entre as regiões pesquisadas, a Sul lidera na produção de cereais, com 73,3 milhões de toneladas

Agência Brasil

A produção da safra nacional de grãos deve alcançar 185 milhões de toneladas este ano. A estimativa, referente ao mês de abril, é 14,2% maior que o resultado obtido em 2012 (161,9 milhões de toneladas) e 2% maior que a projeção de março (181,3 milhões de toneladas). Os

dados fazem parte da quarta estimativa de 2013 da safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), divulgado ontem, (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A área a ser colhida em 2013 é estimada em 52,8 milhões de hectares, 8,2% maior do que a de 2012 (48,8 milhões de hectares) e 0,3% (mais 143.306 hectares) superior ao previsto no mês anterior. As três principais culturas – arroz, milho e soja – que representam 92,4% da produção de grãos, respondem por 86,1% da área a ser colhida. Em relação a 2012, foi estimado aumento da área a ser colhida de 0,9% para o arroz, 9,1% para o milho e 10,6% para a soja. Ainda na comparação com o ano passado, a produção do arroz deve cres-

cer 5,1%; a do milho, 9,1%; e a da soja, 23,3%. Entre os 26 produtos selecionados, 18 apresentam variação positiva na quarta avaliação, na comparação entre 2013 e 2012, e oito têm variação negativa. Na c o m p a r a ç ã o c o m a produção estimada no mês de março, destacam-se seis produtos: café arábica (1,8%), feijão primeira safra (-7%), feijão segunda safra (3%), milho segunda safra (7,3%), sorgo (7%) e trigo (11,1%). Entre as regiões pesquisadas, a Sul lidera na produção de cereais, com 73,3 milhões de toneladas, seguida da Centro-Oeste (74,5 milhões de toneladas), Sudeste (19,5 milhões), Nordeste (13,1 milhões) e Norte (4,5 milhões). Comparando à safra passada, deverá haver aumento de 1,2% na Sudeste; de 5,2%, na

PARANÁ

Arroz, milho e soja representam 92% da produção

Centro-Oeste; de 32,8%, na Sul; e de 10,4% na Nordeste. Na Região Norte, é estimado decréscimo de 4%. Segundo o IBGE, o estado de Mato Grosso, lidera como maior produtor nacional de grãos, com participação de 23,2%, seguido pelo Paraná (20,8%) e Rio Grande do Sul (15,4%). Os três estados, so-

mados, representam 59,4% do total nacional. A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) também divulgou hoje, em Brasília, estimativa para a safra de grãos. A estatal prevê que devem ser colhidos 184,15 milhões de toneladas de grãos no ciclo 2012/2013. O volume é 10,8% maior

do que o da safra anterior, quando 166,17 milhões de toneladas foram colhidas. A diferença entre os dados divulgados pelo IBGE e pela Conab se deve aos períodos avaliados. O instituto analisa a colheita de janeiro a dezembro, enquanto a Conab se baseia no ano-safra, que vai de agosto a julho do ano seguinte.

Secretaria da Agricultura vai participar de ações da Copa Paraná Rural AEN

A Secretaria da Agricultura e do Abastecimento vai participar de ações da Copa Paraná Rural, que está sendo desenvolvida pela Ecoparaná visando a realização da Copa do Mundo em 2014. O acordo foi firmado em reunião realizada quarta-feira (08) entre o secretário Norberto Ortigara, e o superintendente da Ecoparaná, Pedro Guerra. A Secretaria desenvolve o projeto Caminhadas Internacionais na Natureza, que neste ano prevê mais de 80 roteiros em vários municípios do Estado. A Emater está constatando uma boa aceitação das caminhadas junto ao meio rural, iniciativa que auxilia a ampliar e valorizar as atividades da agricultura familiar, assim como promover o turismo rural no interior do Estado. “Isso acaba também movimentando e aquecendo as economias locais onde acontecem as caminhadas. A participação e apoio das prefeituras na organização desses roteiros são

muito importantes”, destaca Norberto Ortigara. Para Pedro Guerra, projetos como o Caminhadas da Natureza, assim como a feira Sabores do Paraná, podem ser potencializados pela parceria com a Ecoparaná, visando os eventos internacionais. “Teremos a presença de muitos turistas e visitantes estrangeiros que poderão também interagir com as ações que já integram o calendário de atividades ligadas ao turismo rural, bem como aos nossos inúmeros recursos naturais do Estado”, explicou. Pedro Guerra destaca que o Paraná é um estado com vocação agrícola. “Essa característica, associada a uma ocupação rural constituída em sua maioria de pequenas e médias propriedades, insere o Estado em boas ações de qualificação e promoção dos produtos e serviços junto ao turismo rural na agricultura familiar”, disse o superintendente da Ecoparaná, lembrando também da parceria já realizada com o

Turismo Rural na Agricultura Familiar (Traf). No encontro, ficou acertada a participação da Ecoparaná em três Feiras Sabores do Paraná, desenvolvidas em conjunto pela Seab e Emater, em Curitiba, no litoral do Estado, e em Foz do Iguaçu, além da participação das Feiras de Orgânicos realizadas no Paraná.

cyan magenta yellow black


cmyb

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Região

B-1

www.tribunadovale.com.br

Começam obras do PAC 2 em Santo Antonio da Platina INFRAESTRUTURAAvaliado R$5,8 milhões, projeto prevê pavimentação asfáltica nos bairros Álvaro de Abreu, Vila Ribeiro e Jardim Bela Manhã Aline Damásio

Começou esta semana em Santo Antonio da Platina a execução das obras de infraestrutura do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC)2, do governo federal. Os bairros Álvaro de Abreu, Vila Ribeiro e Jardim Bela Manhã foram os beneficiados com a obra que consiste na construção de galerias pluviais, calçadas, sarjeta, meio-fio e pavimentação. Manilhas de concreto já começaram a ser entregues no Jardim Bela Manhã pela empresa vencedora da licitação. As obras nos três bairros têm previsão de conclusão no fim deste ano. No projeto estão previstas a pavimentação asfáltica de 74,5 mil metros quadrados, além das construções de 7,3 mil metros de galerias, 32,9 mil

metros de quadrados de calçadas, 14, 6 mil metros de meio fio e 362 rampas de acesso para portadores de necessidades especiais. O projeto inclui ainda a pintura de faixas, sinalização das ruas e arborização. O início das melhorias nos bairros está sendo comemorado pelos moradores, que há anos conviviam com a falta de infraestrutura e abandono das ruas, cheias de buracos e pedras soltas, problemas que se agravam com a chuva, quando o barro piora ainda mais a situação ou com longos períodos de seca, quando a poeira acarreta inúmeras dificuldades, inclusive problemas de saúde. Moradora do bairro Bela Manhã há 16 anos, Nilzete Santos de Sales relembra as dificuldades que passa no local. “Se este asfalto realmente

RIBEIRÃO CLARO

Prefeitura promove 8ª Feira do Livro Antônio de Picolli

Alunos da Rede Pública Municipal visitaram a feira Da Assessoria

Manilhas começaram a ser entregues no Jardim Bela Manhã

for concluído será uma graça de Deus, pois facilitará muito a nossa vida, principalmente para quem não tem carro como eu, que para ir à missa tenho que colocar sacolinha nos pés, pois era impossível andar em meio ao barro”, relata. Eduardo Soares dos Santos é morador do Bela Manhã há nove anos e acredita que a obra valorizará o bairro. “Com o asfalto acredito que teremos um bairro mais limpo, com menos terrenos baldios já que a pavimentação traz com ela o interesse em outros investimentos. A vizinhança aqui está crescendo muito, há várias casas novas sendo construídas, o asfalto valorizará ainda mais tudo isso e só melhorará nossa vida aqui”, diz. A execução das obras relativas ao PAC2 sofreu inúmeros re-

vezes. Em junho do ano passado erros durante a licitação e perdas da Certidão Negativa de Débitos do município provocaram o cancelamento da licitação das obras. A nova administração pública precisou refazer a documentação para nova aprovação do projeto e a reiniciou o processo licitatório. A prefeitura ainda entrou com uma contrapartida de cerca de R$400 mil, de recursos próprios dos cofres municipais. Para o prefeito Pedro Claro de Oliveira, o início dos trabalhos já é uma conquista para o município. “Essa obra era muito aguardada pelos moradores, que sofreram com todos os atrasos no ano passado, mas agora estão vendo a conquista de uma infraestrutura melhor ser começada. São bairros grandes que tinham trechos precários”, declarou.

INFINITY MUSIC

A prefeitura de Ribeirão Claro promoveu entre os dias 7 e 8 desse mês a 8ª edição da Feira do Livro. O evento, organizado pela Secretaria de Educação, aconteceu na sede do Lions Clube do município e contou com a participação de todas as escolas da Rede Pública Municipal. O evento faz parte das festividades em comemoração ao aniversário de 105 anos de emancipação política de Ribeirão Claro. O objetivo da feira é dar oportunidade de contato com a leitura para crianças, jovens e adultos, facilitando o acesso a livros para várias faixas etárias. Como acontece todos os anos, as escolas do município enviaram as turmas para visitar o local. A feira também recebeu representantes da comunidade, interessados em adquirir literatura de qualidade por um preço abaixo do mercado. A iniciativa complementa os projetos de formação de lei-

tores apoiados pela prefeitura e a Secretaria de Educação e desenvolvidos nas escolas. Segundo a secretária de Educação, Cleuza Molini Ormeneze, além da prefeitura, empresas como a Laticínios Carolina tem apoiado as ações educacionais desenvolvidas durante esse ano. “Agradecemos à empresa Laticínios Carolina pela parceria com a educação e também à Luciana Rodrigues Minghini, coordenadora da Pastoral da Criança que muito gentilmente cedeu o espaço utilizado para a realização da Feira do Livro”, declarou. A secretária pediu o apoio dos pais para criar nas crianças o hábito de ler, reforçando o trabalho feito pelos professores em sala de aula. “Nós, professores e pais precisamos alimentar a imaginação de nossas crianças, compartilhar leituras com eles, propiciar momentos de prazer, de encantamento, de conhecimentos oferecendo livros e valorizando o ato de ler”, concluiu.

tim.com.br/timmusic

MÚSICA ILIMITADA

NO SEU SMARTPHONE. R$0,50 /DIA QUE USAR

SAMSUNG GALAXY POCKET

• Android com download de Aplicativos • Internet 3G, E-mail e Redes Sociais • GPS com Navegação Gratuita

R$

319,

00

à vista

no plano Infinity

Baixe no seu smartphone Android ou compre um na TIM. Para o funcionamento do TIMmusic, o cliente deverá estar conectado, na rede de dados da TIM, pelo menos no primeiro acesso. Será cobrado um valor fixo diário de R$0,50 para os clientes dos planos Infinity Pré, Infinity Controle, Liberty Controle, Liberty Controle Express e TIM beta apenas no dia que o aplicativo for utilizado. Valor válido por dia de uso, sem assinatura. Oferta de abrangência nacional. Verifique a disponibilidade para o seu aparelho em www.tim.com.br/timmusic.

cyan magenta yellow black


B-2 Atas&Editais SÚMULA DE LICENÇA DE OPERAÇÃO Carvoaria Ipê Ltda torna pública que recebeu do IAP, a Licença de Operação, com validade até a data de 19/03/2017 para Fabricação de Carvão implantada Águas de São João São Jose da Boa Vista/Pr. SÚMULA DE LICENÇA DE OPERAÇÃO Cana Verde Comércio de Combustíveis Ltda, pessoa jurídica devidamente inscrita no CNPJ. 17.491.025/0001-38, estabelecida na Rodovia Parigot de Souza – PR 092, 1107 - Quadra 02 – Bairro Nações, na cidade de Siqueira Campos - PR, torna publico que recebeu do IAP, a Licença de Operação sob n.° 28.693 em 06/05/2013 para a atividade de Posto de Abastecimento e Serviços com validade até 06/05/2014.

PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TÁVORA ESTADO DO PARANÁ TERMO DE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO DO PREGÃO PRESENCIAL N. 012/2013 OBJETO: Contratação de empresa para aquisição de materiais de expediente, toners e cartuchos, para desenvolvimento das atividades do CRAS e PETI, custeados com recursos do Piso Basico Fixo – PBF do Governo Federal, Piso Variável de Media Complexidade- PVMC e Indice de Gestão Descentralizada do SUAS-IGD/SUAS, no quantitativo e especificações, descritos no Anexo I do Edital. Expirado o prazo recursal e tendo em vista a Ata de Julgamento do Pregão em epígrafe, elaborada pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio, o senhor GELSON MANSUR NASSAR, Prefeito Municipal de Joaquim Távora, no uso de suas atribuições legais RESOLVE: HOMOLOGAR A LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL 012/2013 TIPO MENOR PREÇO e ADJUDICAR o objeto as empresas: ANDIPEL PAPELARIA LTDA ME CNPJ: 14.227.560/0001-98 declarada vencedora dos itens 3, 7,12,13,14,15,16,17,21,24,27,28,29,35,36,38,39,40,48,53,87, somando um valor total de R$ 2.498,60 ( dois mil quatrocentos e noventa e oito reais e sessenta centavos), ACOSTA QUADRI &CIA LTDA CNPJ: 05.568.807/0001-49 foi declarada vencedora dos itens 117,118,119,1 20,121,122,123,124,125,126,127,128 somando um valor total de R$ 8.507,00 ( oito mil quinhentos e sete reais) , a empresa KLEBER ARRABAÇA BARBOSA EPP CNPJ: 11.507.711/0001-73 foi declarada vencedora dos itens 2,5,11,18,19,20,22,23,30,31,32,33,46,51,52,54 ,55,59,63,89,92,95,98,100,102,105,114 somando um valor total de R$ 1.651,58 ( um mil seiscentos e cinquenta e cinquenta e um reais e cinquenta e oito centavos) a empresa MERCADO VALLE LTDA CNPJ: 02.362.740/0001-01 foi declarada vencedora dos itens 1,4,6,2 5,26,34,37,41,42,43,44,45,47,49,50,56,57,58,60,61,62,64,65,66,67,68 ,69,70,71,72,73,74 ,75,76,77,78,79,80,81,82,83,84,85,86,88,90,91,93,96,97,99,101,1 03,104,106,107,108,109,110,111,112,113,115,1116 somando um valor total de R$ 5.301,33 ( cinco mil trezentos e um reais e trinta e três centavos ).E para que produza seus efeitos legais, PUBLIQUE-SE Joaquim Távora, 06 de maio de 2013 GELSON MANSUR NASSAR PREFEITO MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL = P O R T A R I A 032/2013= O Senhor Dartagnan Calixto Fraiz, Prefeito Municipal de Ribeirão do Pinhal, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais e na forma da Lei. RESOLVE: EXONERAR, a pedido, o funcionário Público Municipal, Sr. João de Camargo com o Cargo de Auxiliar de Serviços Gerais, a partir do dia 06 de Maio do corrente exercício. REGISTRE-SE E PUBLIQUE-SE Edifício da Prefeitura Municipal de Ribeirão do Pinhal, Estado do Paraná, aos nove dias do mês de Maio do ano dois mil e treze. Gabinete do Prefeito. Dartagnan Calixto Fraiz Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ ESTADO DO PARANÁ CNPJ/MF 76.407.568/0001-93, Rua Rui Barbosa nº. 96 Centro, Fone/Fax 0xx 43-35371212 – CEP 86.385-000 EDITAL Nº 40.01/2013 EDITAL DE CONVOCAÇÃO Tendo em vista a DESCLASSIFICAÇÃO da 3ª colocada – REBECA DO PRADO LIMA (cargo de Assistente Social), conforme portaria nº 120 de 08/05/2013 – publicada no Jornal Tribuna do Vale, pg.B2, Edição nº 2386 de 09/05/2013, CONVOCAMOS a 4ª colocada (cargo de Assistente Social). A candidata deverá comparecer no Deptº de Recursos Humanos desta municipalidade no prazo de 30 (trinta) dias, ou seja, de 10/05/2013 à 08/06/2013, munida de: CÓPIA E ORIGINAL DOS DOCUMENTOS ABAIXO RELACIONADOS: • CTPS • CADASTRO DO PIS • RG • CPF • TÍTULO ELEITORAL (comprovante da última votação) • CERTIDÃO DE NASCIMENTO (se solteiro(a)) • CERTIDÃO DE CASAMENTO (se casado(a)) • CERTIDÃO DE NASCIMENTO DOS FILHOS (se os possuir) • 02 FOTOS 3x4 • ATESTADO DE SAÚDE (emitido pelo médico do trabalho) • COMPROVANTE DE RESIDENCIA (talão de água, luz ou telefone) • COMPROVANTE DE ESCOLARIDADE • CERTIDÃO NEGATIVA DE ANTECEDENTES CRIMINAIS (expedida pelo órgão competente da região de seu município) • DECLARAÇÃO DE ACÚMULO OU NÃO DE EMPREGO OU FUNÇÃO PÚBLICA (nas esferas municipais, estaduais e federal). Obs.: Cargo de Assistente Social apresentar Certidão de Regularidade junto ao Conselho Profissional da Classe. Obs.: A candidata será exaurida dos direitos de sua habilitação no concurso público caso se verifique qualquer das seguintes hipóteses, nos prazos previstos: a) não atender à convocação para anuência; b) não anuir à nomeação. “ASSISTENTE SOCIAL” Juliana da Silva Flores Santana Prefeitura Municipal de Barra do Jacaré, em 09 de maio de 2013. Edimar de Freitas Alboneti Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE JABOTI AVISO DE LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇOS Nº 04/2013 O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE JABOTI, Estado do Paraná, torna público que fará realizar licitação, conforme segue: MODALIDADE: Tomada de Preço nº 04/2013. TIPO DE LICITAÇÃO: Menor Preço Global. 0BJETO: Seleção de propostas visando Contratação de Serviços Médico/Hospitalares. ABERTURA DOS ENVELOPES: Dia 27/05/2013 às 13h30min na Prefeitura Municipal de Jaboti. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: Demais informações bem como cópias completas do Edital poderão ser obtidas junto ao Departamento de Licitação da Prefeitura Municipal de Jaboti. Edifício da Prefeitura Municipal de Jaboti, 07 de maio de 2013. João Antonio Juventino de Siqueira, Presidente da Comissão de Licitação PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ COMUNICADO O Prefeito Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná, comunica a todos que será realizada audiência pública no dia 14 de maio de 2013, a partir das 20:00 horas, no Paço Muncipal, sito na Av. Dr. João Pessoa, nº. 1300, para discutir assuntos relacionados a escolha de projetos a serem contemplados através do recebimento de recursos do Governo do Estado do Paraná, oriundos do Plano de Apoio ao Desenvolvimento Dos Municípios. Quatiguá, em 09 de maio de 2013. Luis Fernando Dolenz Prefeito Municipal

MUNICÍPIO DE SANTO ANTONIO DA PLATINA – PARANÁ AVISO DE LICITAÇÃO - EDITAL PREGÃO PRESENCIAL RP Nº 040/2013 - PROCESSO nº 409/2013 OBJETO: Aquisição e Recarga de Extintores, para diversos departamentos municipais, a serem adquiridos conforme a necessidade, no Sistema de Registro de Preços, pelo período de 12 (doze) meses. VALOR MÁXIMO ADMITIDO: R$ 33.745,45 (trinta e três mil setecentos e quarenta e cinco reais e quarenta e cinco centavos). ENCERRAMENTO: Protocolo até as 09h00min, do dia 22/05/2013. ABERTURA: 22/05/2013, às 09h30min na Prefeitura Municipal de Santo Antônio da Platina, na Praça N. S. Aparecida, s/nº. INFORMAÇÕES: A cópia do Edital e demais informações e elementos, encontram-se à disposição dos interessados no endereço acima citado, no horário comercial, das 08h30min às 11h00min e da 13h00min às 17h00min, telefone (43) 3534-8700 - 3534-8702 Fax: (43) 3558-1615 – e-mail: licitacao@santoantoniodaplatina.pr.gov.br Santo Antônio da Platina, 08 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO - Prefeito Municipal MUNICÍPÍO DE CAMBARÁ – ESTADO DO PARANÁ AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL 16/2013 O MUNICÍPIO de CAMBARÁ, torna público a abertura de processo licitatório na modalidade Pregão Presencial, do tipo Menor Preço por lote, PARA REGISTRO DE PREÇOS DE MEDICAMENTOS. O Edital completo poderá ser retirado pessoalmente, mediante o recolhimento de taxa de R$ 20,00, no Departamento de Compras e Licitações, situado na Avenida Brasil, nº 1.082, Paço Municipal, Cambará PR ou requisitado, gratuitamente, pelo e-mail: prefeituramunicipalcambara@ gmail.com, à partir do dia 10/05/2013, das 08h30m às 11h00m e das 13h30min às 17h00m. A entrega e abertura dos envelopes contendo a proposta comercial e a documentação serão realizadas no dia 23/05/2013, impreterivelmente, até às 09h45m, em conformidade com as condições estabelecidas no instrumento convocatório. Cambará 08 de maio de 2013. NÁGILA GRUBA VIEIRA Pregoeira PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ DECRETO Nº. 1356, DE 08 DE MAIO DE 2013 Regulariza e aprova o loteamento urbano denominado “Loteamento Urbano Jardim Vitória Crivari”. O Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, em especial no art. 66, XIII, da Lei Orgânica, DECRETA: Art. 1º - Fica regularizado, bem como aprovado o loteamento urbano denominado “Loteamento Urbano Jardim Vitória Crivari”, localizado na Rua Minas Gerais, no Bairro São João, Cambará, Estado do Paraná de propriedade da empresa Crivari Empreendimentos Imobiliários Ltda., pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ sob o nº 13.916.362/0001-79 com sede na Rua Rui Barbosa, 1037, Bairro Centro, nesta cidade, imóvel registrado sob matricula nº 9.632 do Cartório do Registro de Imóveis de Cambará, com área total de 74.654,58m² (setenta e quatro mil seiscentos e cinquenta e quatro metros quadrados e cinquenta e oito centímetros quadrados), assim distribuídos: a) Área dos Lotes (191 lotes) 48.409,21m² ; b) Área Institucional 500,00m²; c) Área Verde 10.144,34m²; d) Área de Arruamento 15.601,03m²; e) Total da Área Loteada 74.654,58m². Art. 2º São os seguintes limites e confrontações e descrição do perímetro da área loteada: I- Limites e Confrontações: a) Norte: terras da Fazenda São João; b) Leste: Fazenda São João c) Sul: Rua Minas Gerais; d) Oeste: terras da COPEL. Art. 3º A aprovação do loteamento denominado “JARDIM VITÓRIA CRIVARI” só se considerará em vigor depois que o loteador e proprietário proceder à inscrição ou registro do loteamento no Cartório de Registro de Imóveis de Cambará, no prazo de 180 dias contados da publicação deste Decreto e na forma da legislação federal em vigor. §1º – Na falta de cumprimento da exigência prevista neste artigo, será revogada a aprovação do loteamento. Art. 4º As regras atinentes à habitação, trabalho, circulação, lazer, bem como uso, ocupação e parcelamento do solo deverão obedecer às Leis Complementares Municipais nº 18 de 20 de outubro de 2009 (Plano Diretor), nº 19 de 20 de outubro de 2009 (Uso e Ocupação do Solo Urbano) e nº 20 de 20 de outubro de 2009 (Parcelamento do Solo). Art. 5º Integram este Decreto como se nele estivessem transcritos os projetos devidamente aprovados pelo Departamento de Urbanismo e respectivos Memoriais Descritivos. Art. 6º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 7° Revogam-se as disposições em contrário. DÊ-SE CIÊNCIA; PUBLIQUE-SE; REGISTRE-SE E CUMPRA-SE. Prefeitura Municipal de Cambará, 08 de maio de 2013. João Mattar Olivato Prefeito Municipal CÂMARA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL – PR LICITAÇÃO DESERTA E ABERTURA DO PREGÃO PRESENCIAL nº. 002/2013 A CÂMARA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL – ESTADO DO PARANÁ torna público que o Pregão Presencial nº 001/2013 foi deserto, em razão da ausência de empresas interessadas em apresentar propostas para o certame. Diante disso, comunica a abertura de novo processo licitatório na modalidade Pregão, de forma presencial, do tipo menor preço global lote único, cujo objeto é a contratação de empresa locadora de software de gestão pública, abrangendo os sistemas de CONTABILIDADE, FOLHA DE PAGAMENTO, RECURSOS HUMANOS, PLANEJAMENTO, PATRIMÔNIO, COMPRAS e LICITAÇÕES, incluindo serviços de implantação, manutenção, suporte técnico e treinamento aos usuários, em conformidade com as especificações do edital e do termo de referência, no anexo I, pelo período de 12 (doze) meses. A realização do pregão presencial será no dia: 22/05/2013 a partir das 09h00min, na sede da Prefeitura Municipal, localizada à Rua Paraná, nº. 983 – Centro, em nosso Município. O edital na íntegra estará disponível para consulta e retirada mediante pagamento de taxa no endereço supra, no Setor de licitações, de segunda a sexta-feira, no horário das 09h00min às 11h00min e das 13h30min às 15h30min, e na Câmara Municipal de Ribeirão do Pinhal, das 8:00 às 11:30 e das 13:00 às 17:00, ou através do email camararibeiraodopinhal@hotmail.com. Ribeirão do Pinhal, 09 de maio de 2013. Fayçal Melhem Chamma Junior Pregoeiro PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ DECRETO Nº. 27, de 06 de maio de 2013. A Prefeita Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, usando das atribuições legais, com base na Lei Federal nº 4.320/1964 e na Lei Municipal nº 565, de 22 de abril de 2013, D E C R E TA: Art. 1º - Fica autorizada a abertura de Crédito Adicional Suplementar no Orçamento Geral do Município de Abatiá, Estado do Paraná, no valor de R$ 25.971,05 (vinte e cinco mil, novecentos e setenta e um reais e cinco centavos), conforme descrito abaixo: 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 001 – Departamento de Ensino 12.365.0603.2.035 – Manutenção da Educação Infantil – Demais recursos 0120 - FR 108 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 5.971,05 0125 - FR 108 – 4.4.90.52.00.00 – Equipamentos e Material Permanente R$ 20.000,00 Art. 2º - Para dar cobertura ao crédito aberto no artigo anterior, será indicado o Superávit financeiro apurado em balanço do exercício anterior “2012” no valor de R$ 25.971,05 (vinte e cinco mil, novecentos e setenta e um reais e cinco centavos), da fonte de recurso 108. Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Edifício da Prefeitura Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, aos 06 dias do mês de maio do ano de 2013. Maria de Lourdes Ferraz Yamagami Prefeita Municipal

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ DECRETO Nº. 28, de 06 de maio de 2013. A Prefeita Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, usando das atribuições legais, com base na Lei Federal nº 4.320/1964 e na Lei Municipal nº 566, de 22 de abril de 2013, D E C R E TA: Art. 1º - Fica autorizada a abertura de Crédito Adicional Suplementar no Orçamento Geral do Exercício corrente do Município de Abatiá, Estado do Paraná, de acordo com a Lei Federal nº 4.320/1964, o valor de R$ 237.780,00 (duzentos e trinta e sete mil, setecentos e oitenta reais), conforme descrito abaixo: 06 – Secretaria da Educação, Cultura e Esportes 001 – Departamento de Ensino 12.361.0605.2.037 – Manutenção do Transporte Escolar FR 128 – 4.4.90.52.00.00 – Equipamentos e Material Permanente R$ 237.780,00 Art. 2º - Para dar cobertura ao Crédito aberto no artigo anterior, será indicado recurso proveniente de excesso de arrecadação no valor de R$ 237.780,00 (duzentos e trinta e sete mil, setecentos e oitenta reais), na fonte de recurso 128. Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Edifício da Prefeitura Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, aos 06 dias do mês de maio do ano de 2013. Maria de Lourdes Ferraz Yamagami Prefeita Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA AVISO DE HOMOLOGAÇÃO OBJETO: Contratação de serviços de Assistente Psicóloga para o Departamento de Bem Estar Social do Município de Tomazina-Pr. O Prefeito Municipal de Tomazina, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, torna público para todos os efeitos e fins legais, a HOMOLOGAÇÃO do julgamento da Comissão Permanente de Licitação, realizado em sessão de 17/04/2013 às 11:00hs, relativo à Licitação – Modalidade Pregão Presencial nº 17/2013, que adjudicou o objeto em destaque supra, em favor dos licitantes Maria Olivia Moraes de Souza e Rosangela Batista. Valor R$ 43.140,00(quarenta e três mil cento e quarenta reais). Junte-se ao procedimento; Publique-se; TOMAZINA, 23 de abril de 2013 GUILHERME CURY SALIBA COSTA PREFEITO MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA EXTRATO CONTRATO Nº 33/2013 Contratada: Maria Olivia Moraes de Souza Pregão Presencial Nº: 18/2013 Objeto: Contratação de serviços de Assistente Psicóloga para o Departamento de Bem Estar Social do Município de Tomazina-Pr. VALOR R$: 21.600,00(vinte e um mil e seiscentos reais ). Vigência: 12 meses Tomazina, 23 de abril de 2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA EXTRATO CONTRATO Nº 34/2013 Contratada: Rosangela Batista Pregão Presencial Nº: 18/2013 Objeto: Contratação de serviços de Assistente Psicóloga para o Departamento de Bem Estar Social do Município de Tomazina-Pr. VALOR R$: 21.540,00(vinte e um mil e quinhentos e quarenta reais ). Vigência: 12 meses Tomazina, 23 de abril de 2013 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL PARA ATERRO SANITÁRIO- CIAS EXTRATO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº. 001/2013 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 001/2013 CONTRATANTE: CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL PARA ATERRO SANITÁRIO- CIAS, pessoa jurídica de direito público, com sede administrativa na Rua Tiradentes, nº 442, centro, Santo Antônio da Platina – PR, CNPJ 08.890.062/0001-28 CONTRATADA: VIVIANE CHUEIRI, brasileira, solteira, engenheira agrônoma, CPF: 373.781.129-68, RG: 2.204.198-3, CREA: 15623-D-P, Endereço: Rua Rui Barbosa, 573 - Centro - Ibaiti/PR. OBJETO: ELABORAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO DO PLANO DE TRABALHO PARA IMPLANTAÇÃO DE COLETA SELETIVA NO CONSÓRCIO (CIAS), COMPOSTO PELOS MUNICÍPIOS DE JOAQUIM TAVORA,QUATIGUA,CONSELHEIRO MAIRINCK, JUNDIAÍ DO SUL E GUAPIRAMA. VALOR CONTRATUAL: R$ 2.000,00 (Dois mil reais) mensais. VIGENCIA: prazo máximo de 08 (oito) meses. FORO: Comarca de Santo Antonio da Platina- Estado do Paraná Santo Antonio da Platina, 10 de maio de 2013 Luis Fernando Dolenz Presidente do CIAS- Consórcio Intermunicipal para Aterro Sanitário

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL LEI Nº. 1.581/2013 SÚMULA: “AUTORIZA O PODER EXECUTIVO MUNICIPAL A CONTRATAR OPERAÇÕES DE CRÉDITO COM A AGÊNCIA DE FOMENTO DO PARANÁ S.A.” A Câmara Municipal de Ribeirão do Pinhal, estado do Paraná aprovou. E, eu, Dartagnan Calixto Fraiz, sanciono a seguinte Lei: Art. 1º - Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a contratar com a Agência de Fomento do Paraná S.A operações de crédito, até o limite de R$ 1.445.000,00 (um milhão, quatrocentos e quarenta e cinco mil reais). Parágrafo Único - O valor das operações de crédito estão condicionados à obtenção pela municipalidade, de autorização para a sua realização, em cumprimento aos dispositivos legais aplicáveis ao endividamento público através de Resoluções emanadas pelo Senado Federal e pela Lei Complementar nº 101, de 04.05.2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal). Art. 2º - Os prazos de amortização e carência, os encargos financeiros e outras condições de vencimento e liquidação da dívida a ser contratada, obedecerão às normas pertinentes estabelecidas pelas autoridades monetárias federais, e notadamente o que dispõe o normativo do Senado Federal, bem como as normas específicas da Agência de Fomento do Paraná S.A. Art. 3º - Os recursos oriundos das operações de crédito autorizadas por esta Lei serão aplicados na execução dos seguintes projetos: I – 8.305,80 m2 de pavimentação asfáltica CBUQ, drenagem com meio fio, galerias pluviais, boca de lobo, poço de visita e dissipador em várias vias do Conjunto Santo Expedito deste Município. Art. 4º - Em garantia das operações de crédito de que trata esta Lei, fica o Poder Executivo Municipal autorizado a ceder à Agência de Fomento do Paraná S.A., as parcelas que se fizerem necessárias da quota-parte do Imposto Sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Serviços - ICMS e do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, ou tributos que os venham a substituir, em montantes necessários para amortizar as prestações do principal e dos acessórios, na forma do que venha a ser contratado. Art. 5º - Para garantir o pagamento do principal atualizado monetariamente, juros, multas e demais encargos financeiros decorrentes das operações referidas nesta Lei, o Poder Executivo Municipal, poderá outorgar à Agência de Fomento do Paraná S.A. mandato pleno para receber e dar quitação das referidas obrigações financeiras, com poderes para substabelecer. Art. 6º - O prazo e a forma definitiva de pagamento do principal reajustável, acrescidos dos juros e demais encargos incidentes sobre as operações financeiras, obedecidos os limites desta Lei, serão estabelecidos pelo Poder Executivo Municipal com a entidade financiadora, conforme elencado no contrato de operação de crédito. Art. 7º - Anualmente, a partir do exercício financeiro subseqüente ao da contratação das operações de crédito, o orçamento do Município consignará dotações próprias para a amortização do principal e dos acessórios das dívidas contratadas. Art. 8º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Edifício da Prefeitura Municipal de Ribeirão do Pinhal, em 09 de maio de 2013. DARTAGNAN CALIXTO FRAIZ Prefeito Municipal


Atas&Editais B-3

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-ESTADO DO PARANÁ EXTRATO CONTRATUAL - CONTRATO Nº 07/2013 Partes: Município de Quatiguá e a empresa Metroengenharia Construtora Ltda.-ME. Objeto: Contratação de empresa objetivando a execução de obras (material e mão de obra), visando à ampliação da Unidade Básica de Sáude de Quatiguá. Vigência: 180 (cento e oitenta) dias. Prazo de execução: 120 (cento e vinte) dias. Execução: Imediata. Data: 26 de abril de 2013. Luis Fernando Dolenz – Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA AVISO DE HOMOLOGAÇÃO MODALIDADE: Tomada de Preço Nº 02/2013 OBJETO: contratação de empresas para Prestação de Serviços de Manutenção da Rede Elétrica no Município de Tomazina. O Prefeito Municipal de Tomazina, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, torna público para todos os efeitos e fins legais, principalmente que HOMOLOGOU o julgamento da Comissão Permanente de Licitação, realizado em sessão de 30/04/2013, relativo à Licitação – Modalidade – Tomada de Preço nº 02/2013, que adjudicou o objeto em destaque supra, em favor dos licitantes: Irmãos Oliveira Comercio de Materiais Elétricos Ltda. Valor R$ 113.400,00(cento e treze mil e quatrocentos reais). Junte-se ao procedimento; Publique-se; Gabinete do Prefeito Municipal de Tomazina Tomazina, 06 de maio de 2013. GUILHERME CURY SALIBA COSTA PREFEITO MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA EXTRATO CONTRATO Nº 35/2013 Contratado: Irmãos Oliveira Comércio de Materiais Elétricos Ltda. Tomada de Preço Nº: 02/2013. Objeto: contratação de empresas para Prestação de Serviços de Manutenção da Rede Elétrica no Município de Tomazina. Valor: R$ 113.400,00( cento e treze mil e quatrocentos reais) Vigência: 12 meses. Tomazina, 06 de maio de 2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ DECRETO Nº. 1353, DE 25 DE ABRIL DE 2013 O Prefeito Municipal de Cambará-Estado do Paraná, no uso de suas atribuições que lhe confere a Lei Orgânica do Município e autorização contida na Lei Municipal nº. 1.509, de 12 de Dezembro de 2012, em consonância com a Lei 4.320/64, DECRETA: Art.1º - Fica o Executivo Municipal autorizado a realizar no Orçamento-Programa do Município de CambaráEstado do Paraná, para o exercício de 2013, um Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 115.600,00 (Cento e Quinze Mil e Seiscentos Reais), assim discriminado: Discriminação 07. Secretaria Municipal de Saúde 07.001 – Departamento de Saúde 10.301.2290.2040 - Manutenção Departamento da Saúde 3390.30.00.00.00 - Material de Consumo 3390.36.00.00.00 - Outros Serviços de Terceiros Pessoa Física 3390.39.00.00.00 - Outros Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 08. Secretaria Municipal de Assistência Social 08.001 – Departamento de Ação Social 08.243.2380.6010 - Manutenção Assessoria P/ ASS. da Criança e Adolesc. 3390.36.00.00.00 - Outros Serviços de Terceiros Pessoa Física 3390.39.00.00.00 - Outros Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica Total

Fonte

Suplementação

Redução

000 303 000 303

0,00 0,00 0,00 100.000,00

40.000,00 40.000,00 20.000,00 0,00

31758 31758

15.600,00 0,00 115.600,00

0,00 15.600,00 115.600,00

Art. 2º - Este decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para o dia 25/04/2013. Cambará-Pr, 09 de maio de 2013. João Mattar Olivato Prefeito Municipal

MUNICÍPIO DE SANTO ANTONIO DA PLATINA – PARANÁ AVISO DE LICITAÇÃO - INEXIGIBILIDADE Nº 015/2013 - PROCESSO Nº 424/2013 CREDENCIAMENTO Nº 001/2013 OBJETO: Credenciamento a nível Municipal e Estadual para Pessoas Físicas e ou Jurídicas interessadas na Prestação de Serviços de Assistência Médica; Médica Hospitalar; Médicos Plantonistas (12/24 horas – Pronto Socorro Municipal); Médico Radiologista, Médicos Plantonistas à Distância (retaguarda diária); Técnico em Radiologia, Paramédicos (Biomédicos), Médico Psiquiatra, Médico Pediatra; Assistente Social e Terapeuta Ocupacional, aos beneficiários do Serviço Municipal de Saúde do Município de Santo Antonio da Platina – Estado do Paraná, com o objetivo do Atendimento das necessidades de natureza Médica; Hospitalar e Laboratoriais dos Usuários do Sistema Único de Saúde com abrangência aos Usuários do CSU – Centro Social Urbano; UBS – Unidades Básicas de Saúde; ESF – Estratégia Saúde da Família; Pronto Socorro Municipal; UPAs – Unidades de Pronto Atendimento e CAPs – Centro de Atendimento Psicossocial, por um período máximo de até 12(doze) meses. ENTREGA DE CARTA-PROPOSTA: A partir das 08h30min do dia 14/05/2013, na Prefeitura Municipal de Santo Antonio da Platina, sito a Praça Nossa Senhora Aparecida, s/n – Centro; conforme edital. INFORMAÇÕES: O Edital e demais elementos encontram-se à disposição dos interessados para consulta, na sede da Administração Municipal - Divisão de Licitação, sito a Praça N. S. Aparecida s/n - Centro, no horário comercial, das 08h30min às 11h00min das 13h00min às 17h00min, Telefone: (43) 3534-8700 – e-mail: licitação@santoantoniodaplatina.pr.gov.br. AMPARO LEGAL: Artigo 25, inciso I, da Lei n° 8.666/93. Santo Antônio da Platina/PR, 09 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO - Prefeito Municipal

MUNICÍPIO DE SANTO ANTONIO DA PLATINA – PARANÁ PREGÃO PRESENCIAL R. P. Nº 034/2013 - PROCESSO nº 357/2013 - AVISO DE HOMOLOGAÇÃO Torna publica a Homologação do Procedimento Licitatório Modalidade Pregão Presencial sob o nº 034/2013 que tem como objeto a contratação de Empresa Especializada na Prestação de Serviços de Horas-máquina, com fornecimento dos seguintes maquinários: TRATOR ESTEIRA, ESCAVADEIRA HIDRÁULICA, PÁ CARREGADEIRA, MOTO NIVELADORA, RETROESCAVADEIRA, ROLO COMPACTADOR; com operador de maquinas; combustíveis e manutenção dos equipamentos; à(s) empresa(s): FORNECEDOR CNPJ VALOR BATISTA & CAMILO LTDA 02.478.309/0001-17 519.660,00 Santo Antonio da Platina - PR, 09 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO - Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 227/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, CONSIDERANDO problemas técnicos na geração da Guia de Recolhimento do ISS eletrônico, DECRETA: Art. 1º - Fica prorrogado o prazo para pagamento do ISS- Imposto sobre Serviço, bem como a entrega da DEISS- Declaração Eletrônica do ISS, referente ao mês de fevereiro de 2013, com vencimento no dia 10/05/2013 para o dia 20 de maio de 2013. Art. 2º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, em 09 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA PORTARIA Nº 293/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, e de acordo com ofício nº 353/13 da Secretaria Municipal de Saúde, protocolado sob nº 006675/13 em 30/04/13 e Ofício nº 028/2013 da Divisão de Licitação, protocolo nº 007050 de 08 /05/13, resolve: Art. 1 – Fica DESIGNADA a Comissão Especial para analisar e avaliar os documentos para Credenciamento de Profissionais Pessoas Físicas e/ou Jurídicas, para Prestação de Serviços na Área Médica do Sistema Municipal de Saúde e correlatos, nos termos do Edital de Credenciamento, Regido pela Lei Federal (Lei de Licitações) nº 8.666/93 e alterações posteriores, composta pelos seguintes servidores: 1. ADRIANA C. MENDES DE ALMEIDA 2. ROSANE MANARIM FERREIRA 3. JOSÉ MÁRIO DOMINGO FRAIZ Art. 2 – Ficam REVOGADAS a partir desta data, as Portarias 595/12 de 29 de outubro de 2012, a 692/12 de 12 de dezembro de 2012, a 718/12 de 20 de dezembro de 2012 e a Portaria 727/12 de 27 de dezembro de 2012. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, em 08 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 224/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, considerando a realização do concurso Público de Provas e Provas e Títulos, realizado em 28 de março de 2010, regulamentado pelo Edital nº 01/2010-PMSAP, autorizado pela Lei nº 876, de 27 de novembro de 2009; CONSIDERANDO o disposto na Lei nº 02/93, de 02/02/93, que dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos deste Município, e Lei nº 412/05, de 17 de março de 2005, que dispõe sobre a Estrutura do Plano de Cargos e o Sistema de Carreira no Serviço Público, e Decreto 356/12 de 12/07/2012; CONSIDERANDO o disposto nos Incisos I a XIV, artigo 138 do Edital nº 001/2010-PMSAP; CONSIDERANDO, finalmente, o teor do Decreto nº 139/10, DE 12/05/10, que Homologa o Resultado do Concurso Público, Decreta: Art.1º - Ficam NOMEADAS em caráter efetivo, de acordo com a Lei nº 02/93, artigo 13, I, a partir de 09 de maio de 2013, para exercer cargos públicos criados pela Lei nº 876, de 27 de novembro de 2009, neste Município, as pessoas abaixo relacionadas, com vencimento correspondente ao valor inicial da respectiva referência, tabela de cargos e valores – Anexo A, da referida Lei, como segue: CARGO: Auxiliar de Serviços Públicos – Referência 01 – Grau “Piso” Vencimento R$ 352,40(equiparado ao salário mínimo conforme Decreto n° 47/13) Nome Classificação 1. Celi de Fátima Martins 95º 2. Zilda Rosa da Silva Carvalho 96º 3. Rafaela de Souza Gomes 97º Art.2º - As Pessoas nomeadas no art. 1º deste decreto deverão obedecer ao estabelecido no artigo 16 da Lei nº 412/05. Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 08 de maio de 2013. – PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 225/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, decreta: Art.1º - O caput do parágrafo 6º do Artigo 2º do Decreto nº 16/07, de 22 de janeiro de 2007, passa ater a seguinte redação: § 6º - As diárias serão concedidas mediante ato administrativo, devidamente publicado no Diário Oficial Eletrônico do Município, devendo constar, necessariamente, os seguintes elementos: Art.2º - Revogam-se as disposições em contrário GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL Dr. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 08 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 226/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, e de acordo com requerimento protocolado sob n° 006611/13 de 30/04/2013, decreta: Art. 1º - Fica DEMITIDA, a pedido, a partir de 02 de maio de 2013, a servidora ISABELLA DA CRUZ MICHELETTO, ocupante do cargo de Técnico em Enfermagem - PSF, Regime CLT deste Município, nomeada em 17 de abril de 2013. Art. 2º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 08 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 015/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei e, de conformidade com o requerimento nº 006430/13, de 26/04/13, resolve: I – CONVOCAR o candidato abaixo relacionado, aprovado no Concurso Público Municipal, homologado através do Decreto nº 071/12, de 03 de fevereiro de 2012, para comparecer na Divisão de Recursos Humanos desta Prefeitura Municipal, no prazo de 03 (três) dias, contados da data da publicação, como segue: RELAÇÃO DOS CONVOCADOS Cargo: PROFESSOR 1. GABRIELA ALVES DO AMARAL II – O candidato convocado deverá comparecer munido dos seguintes documentos: a) Carteira de Trabalho e Previdência Social original. b) Certidão de nascimento ou casamento, conforme o caso (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) c) Cédula de identidade (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) d) Cadastro de Pessoa Física – CPF (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) e) Diploma ou certificado de conclusão de curso emitido por Instituição reconhecida pelo MEC, na escolaridade exigida para o cargo (fotocópia autenticada ou acompanhada do original), além de especialização e demais Requisitos exigidos neste edital. f) Prova de quitação com o Serviço Militar para os candidatos do sexo masculino, certificado de reservista ou de dispensa de incorporação (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) g) Prova de quitação com as obrigações eleitorais (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) h) Certidão de nascimento dos filhos menores de 21 anos se for o caso (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) i) Prova de ser brasileiro e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, na forma do disposto no art. 13 do Decreto n.º 70.436, de 18 de abril de 1972. j) Uma fotografia 3x4 datada de 2011. k) Comprovante de endereço atual (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) l) Declaração de Bens e ou Declaração de Imposto de Renda. m) não ter sido demitido por justa causa, por ato de improbidade no serviço público ou exonerado a bem do serviço público, mediante decisão transitada em julgado; n) apresentar, no ato da nomeação, a certidão negativa de antecedentes criminais fornecida pelo Cartório Distribuidor do Fórum; GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 08 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 016/13 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei e, de conformidade com o Ofício nº 358/13 da Secretaria Municipal de Saúde, protocolado sob nº 006787/13 em 02/05/13, resolve: I – CONVOCAR o candidato abaixo relacionado, aprovado no Concurso Público Municipal, homologado através do Decreto nº 002/12, de 04 de janeiro de 2012, para comparecer na Divisão de Recursos Humanos desta Prefeitura Municipal, no prazo de 03 (três) dias, contados da data da publicação, como segue: RELAÇÃO DOS CONVOCADOS Cargo: TÉCNICO EM ENFERMAGEM – PSF 1. TAUANA NAIARA GONZAGA VITÓRIO II – O candidato convocado deverá comparecer munido dos seguintes documentos: a) Carteira de Trabalho e Previdência Social original. b) Certidão de nascimento ou casamento, conforme o caso (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) c) Cédula de identidade (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) d) Cadastro de Pessoa Física – CPF (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) e) Diploma ou certificado de conclusão de curso emitido por Instituição reconhecida pelo MEC, na escolaridade exigida para o cargo (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) f) Prova de quitação com o Serviço Militar para os candidatos do sexo masculino, certificado de reservista ou de dispensa de incorporação (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) g) Prova de quitação com as obrigações eleitorais (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) h) Certidão de nascimento dos filhos menores de 21 anos, se for o caso (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) i) Prova de ser brasileiro e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, na forma do disposto no art. 13 do Decreto n.º 70.436, de 18 de abril de 1972. j) Uma fotografia 3x4 datada de 2011. k) Comprovante de endereço atual (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) l) Declaração de Bens e ou Declaração de Imposto de Renda. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 08 de maio de 2013. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA CONVITE A Prefeitura Municipal de Santo Antônio da Platina, em obediência aos princípios da publicidade e do controle social, Convida a todos para participar das Audiências Públicas destinadas a alteração do Plano Diretor. Dias: 20 e 22/05/13 Às: 15:00 horas Local: Câmara Municipal Santo Antônio da Platina, 09 de maio de 2013. Pedro Claro de Oliveira Neto Prefeito Municipal


cmyb

TRIBUNA DO VALE

Sexta-feira, 10 de maio de 2013

Social

E-mail: social@tribunadovale.com.br

Arquivo Pessoal

Fabiano Oliveira

Parabéns em dobro

Bodas de Ouro O casal José Celso Lourenço (Celso da Farmácia) e Leonice Crespo Lourenço, residentes no município de Abatiá, comemorou 50 anos de feliz união no último dia 28. A comemoração aconteceu no bufet Acobam em Bandeirantes. Felicidades!

No último domingo, 5, os irmãos Beatriz Constantino Amaro e Paulino Kayky Constantino Amaro comemoraram idade nova. A pequena completou seu 1º aninho, já ele comemorou seu 8º aniversário no município de Joaquim Távora. O momento foi celebrado com muita festa e alegria na residência dos aniversariantes, que recebem os parabéns da mãe Eliane e do pai Cristiano, dos tios Adriano, Bruna,Valmir, da vovó Lourdes e demais familiares Arquivo Pessoal

Frase Saber lidar com a derrota não é ser fraco, é ser humilde. (Autor Desconhecido)

Elegante O cachecol é mais uma das elegantes opções da moda outono/inverno. Primeiro, pelo fato de proteger você do frio e segundo, por compor muito bem os looks de inverno. A elegância da peça promete ser ainda mais concorrida pelas mulheres. Na hora de usar pode fazer um nó largo na frente ou apenas deixar uma ponta solta na lateral e a outra envolvendo o pescoço, ou seja, uma infinidade de maneiras que sua criatividade pode alcançar.

Para eles Os relógios, como sabemos, não têm utilidade apenas para nos dar a noção da passagem do tempo. Eles sempre foram detalhes que fazem toda a diferença num visual, principalmente para os homens. Eles são acessórios essenciais ao look e sempre tiveram essa característica para a aparência masculina. Junto à paixão pelos carros ou pelo futebol, a grande maioria dos homens acrescenta os relógios. Quase não dá para explicar o motivo desta fascinação, mas é certo que ela existe. Mas as quase infinitas opções de modelos pedem que a pessoa saiba como escolher este acessório. A peça deve combinar com o estilo de cada um e com a ocasião a que se destina.

Feliz Aniversário

A agente comunitária de saúde Iracy Aparecida Rosa, comemorou na quarta-feira (8) mais um ano de vida. Os parabéns à ela vem do esposo Nil, dos filhos Roghans, Rejane (que estão em Portugal) Mirella e Murilo, e demais familiares. Felicidades!

H ORÓSCOPO PARA HOJE Áries Dia de eclipse é dia de atenção, coisas acontecem só pra confirmar um palpite que você já tinha. Da-se o mesmo hoje. A área em que este eclipse vai mexer será a das posses e dos valores, do seu dinheiro. Há novidades ai, e possivelmente você terá de rever gastos e entradas nestes dias.

Gêmeos O clima astral é de oscilação e polarização - maniqueísmos a parte, tudo o que ficou no passado, e que você se esqueceu de concretizar deve a partir de agora ser deixado de lado. Amores, ideias, apegos, agora é passado. Volte-se para o futuro e não chore o leite derramado!

Leão Os leoninos enfrentam um período curto e agudo de crises e questionamentos ditados pelo o que ocorre no trabalho, em relação a sua profissão e também na família. As pessoas envolvidas diretamente com sua carreira terão papel nisso. Hora de provar seu valor, sua consistência, seu poder.

Libra Será preciso rever com seu parceiro de trabalho, ou com o cônjuge, o que é que vocês irão fazer com um dinheiro que estão guardando em conjunto. A partir do eclipse solar de hoje há uma mudança que imporá a revisão do proposito comum. Prepare-se para mais gastos adiante.

Sagitário Você, sempre tao otimista, de olhos postos no futuro, em tudo de lindo, aventureiro e maravilhoso que a vida lhe reserva, de repente se dá conta de que esqueceu de cuidar da alimentação, de tomar remédio, de tratar melhor seu corpo e mente. O eclipse provoca mudança ai.

Aquário Período de eclipses este que estamos vivendo! Hoje acontece mais um, em Touro, e ativa sua intimidade, seu lar, sua família, os fundamentos mentais, históricos, emocionais de seu ser. Algo ali precisará ser revisto, reavaliado. Talvez voltar atrás numa decisão seja uma boa ideia.

Touro Um ótimo dia para se concentrar em si mesmo - saúde, interesses, conquistas e bem estar. Porque como há um eclipse solar no seu signo, é bem capaz de você ter de encarar um confronto, uma intimidação, uma contrariedade. Só pra fazer sua atenção voltar para o seu presente.

Câncer Eclipse solar de hoje afeta planos de futuro, relações com entidades, grupos e associações e traz reviravolta com amigos. Talvez você tenha de rever sua participação num clube ou num grupo. Um amigo talvez esteja em crise. Ou a amizade com ele não valha mais a pena.

Virgem Há momentos em que as crenças falham, duvidamos delas, é preciso ir além do que se acredita, e este momento pode ter chegado agora. O eclipse solar em Touro coloca em xeque algumas crenças. Viagens e relações com o exterior também entram no rol de assuntos em reviravolta.

Escorpião As veze sé você que corta um relacionamento, mas em outras é o parceiro que decide assim. Se isto ocorrer nestes dias, reconsidere o valor desta relação. Pode ser um medico, o terapeuta, um cliente, o namorado. Alguém não quer mais ser seu parceiro. Não do jeito que está.

Capricórnio Difícil vencer a timidez no amor, mesmo em prol de uma vivencia sensual e gostosa. Hoje você não está autoconfiante e não precisa insistir nisso. Relações afetuosas merecem um descanso por hoje. Os filhos podem precisar mais de você nestes dias. Melhor ter tempo livre e a disposição.

Peixes Um bom dia para chacoalhar as certezas, mexer nas ideias preconcebidas, rever as relações com amigos íntimos, conectar-se com primos, irmãos queridos. Um eclipse em Touro fala de valores em mudança, em informações que mudam preconcepções. Esteja ligado a sua volta!

cyan magenta yellow black


TRIBUNA DO VALE - EDIÇÃO Nº2387