Page 1

cmyb

Quarta-feira 290 200

19 DE DEZEMBRO DE 2012

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

ANO XVII - N0 2292 R$ 1,00

www.tribunadovale.com.br

VENDAS

Comércio se ressente da falta de apoio 

PÁG. A8

ENCHENTES

DECISÃO

Justiça cassa prefeito eleito de Jundiaí do Sul Jair foi acusado de abuso do poder econômico; ele não foi diplomado

Morador diz que ponte foi mal planejada 

PÁG. A6

FIM DO MUNDO

Turistas lotam região onde viveram os Maias 

PÁG. A8

FALTA DE SEGURANÇA

Torna a se complicar a situação política de Jundiaí do Sul. Agora, o emaranhado veio de uma decisão do Juiz Eleitoral Antonio Sergio Bernardinetti David Hernandes, da comarca de Ribeirão do Pinhal, que cassou os registros eleitorais do prefeito eleito Jair Sanches do Nascimento (PR) e de sua vice, Isabela Arana Rodrigues (PSC). O município, que no último mandato administrativo teve quatro prefeitos, deve iniciar 2013 governado pelo presidente da Câmara de Vereadores que for escolhido no dia 1º de janeiro. A cassação do registro de Jair foi requerida pelo promotor eleitoral Ricardo Fonseca Basso, que entrou com uma ação contra ele, por abuso do poder político e econômico.  PÁG. A3

ANDIRÁ

Laje desaba e fere operários Homem criava pássaros

em quarto adaptado Aves viviam dentro de um dos quartos da casa do criador; no local havia até galhos de árvores imitando a natureza

Uma denúncia anônima levou a Polícia Ambiental a descobrir um cativeiro bem diferente em Andirá. Um homem criava mais de 90 pássaLaje de uma obra no Aparecidinho desabou e operários precisaram ser socorridos pelos bombeiros

Somente ontem, dois acidentes envolvendo construção civil deixaram cinco pessoas feridas. Em Santo Antônio da Platina, quatro operários que estavam trabalhando na construção de uma casa no bairro Aparecidinho ficaram feridos com o desabamento da laje. Em Siqueira Campos, um adolescente de 17 anos se machucou ao cair de um andaime. Nas duas ocorrências, as vítimas não usavam qualquer tipo de equipamento de segurança.  PÁG. B1

ros em sua casa e alguns dele viviam dentro de um quarto adaptado, com galhos de árvores e telas para vedar janelas e porta.  PÁG. A8

JACAREZINHO

Tina e prefeito eleito assinam prorrogação de convênios

NORTE PIONEIRO Um divórcio para cada quatro casamentos No Norte Pioneiro, a cada quatro casamentos registrados, um termina em divórcio, segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgado na segunda-feira (17). Em 2011, foram 1.903 casamentos e 493 divórcios nos 26 municípios da área de abrangência da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi). O recorde de separações foi registrado em 2011 em Jacarezinho. Foram 76 casamentos acabados.  PÁG. A5

A prefeita Tina Toneti (PT) e o prefeito eleito Sérgio Eduardo Emydio de Faria (DEM) assinaram na manhã de ontem, a prorrogação de mais de 30 convênios da prefeitura. Com esse ato, fica garantida a continuidade de obras iniciadas e

de outras já contratadas. O encontro foi no gabinete da prefeitura de Jacarezinho com a presença ainda do vice-prefeito eleito José Carlos Molini (PSDB), futuros secretários e representantes da Caixa Econômica Federal (CEF).  PÁG. A4

cyan magenta yellow black


A-2 Opinião

TRIBUNA DO VALE

As desculpas da falha do remédio ou do rasgão da camisinha não colam mais nos dias atuais, pois até já existe a pílula para o dia seguinte.” Pedro Cardoso da Costa

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

A marcha do julgamento levou muitos a pensarem que ainda neste final de ano teríamos as sentenças publicadas e os réus levados a cumprir as penas. Isso já ficou para 2013, pois depende de providências de ordem burocrática, e a Justiça logo entra em recesso.” Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves

E DITORIAL

Barreiras para o crescimento O pífio crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro suscitou comentários e análises tanto no país quanto na imprensa internacional. A revista The Economist, considerada uma das melhores revistas de economia do mundo, sempre deu destaque para o Brasil, principalmente após a inclusão do país no grupo conhecido como Bric (Brasil, Rússia, Índia e China). Ficou famosa a reportagem de capa feita em 2009, quando essa revista colocou a imagem do Cristo Redentor impulsionada por um foguete, para dizer que o Brasil estava crescendo em alta velocidade. Internamente, o governo e muitos analistas ficaram eufóricos quando, em 2010, o PIB cresceu à expressiva taxa de 7,5%, pois parecia que, desta vez, o país iria crescer de forma consistente ano após ano, deixando para trás aquela fase de crescer para, em seguida, entrar em queda. O governo diz ter feito tudo que podia para forçar o PIB para cima: isenções tributárias, redução na taxa de juros, controle da inflação, redução do preço da energia, desoneração tributária da folha de salários, ampliação do crédito pessoal e estímulo ao consumo. Apesar dessas e de outras medidas tomadas pelo governo para forçar o crescimento do PIB, as últimas contas indicam um crescimento em 2012 de, no máximo, 1,1%. Além de ser muito baixa e, de certa forma, até surpreendente, essa taxa representa falta de resposta aos estímulos instituídos pelo governo. As interpretações para esse desempenho fraco e desanimador HORÁRIO DE FECHAMENTO

22:10

são várias, mas a principal explicação é que, primeiro, o Brasil não tem uma economia livre de mercado verdadeira, mas uma economia altamente regulada e submetida a um amontoado de medidas casuísticas. Segundo, a tão prometida recuperação da infraestrutura não acontece nunca. O governo vem, há tempo, prometendo as parcerias público-privadas, mas elas não saem do papel e o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) não conclui obras começadas e não realiza diversos projetos listados no programa, em uma demonstração da dificuldade do setor público em fazer sua parte. Uma das críticas feitas por analistas, inclusive pela revista The Economist, é a disposição do governo para intervir no mercado de forma precipitada e errada. Dois erros relevantes são a dilapidação das finanças da Petrobras pela recusa em autorizar reajustes nos preços dos derivados de petróleo e o prejuízo causado à Eletrobras para manter baixo o preço da energia. Sob o título “O Brasil despenca” – reportagem motivada pelo baixo crescimento do PIB –, a revista chegou a sugerir à presidente Dilma que demita a equipe econômica e coloque gente mais competente para conduzir a política macroeconômica. Dada sua importância e credibilidade, a reportagem da revista inglesa repercutiu na imprensa brasileira, no meio empresarial e entre autoridades governamentais, o que permite supor a possibilidade de mudança de rumo na política econômica nos

C HARGE

chargeonline.com.br

próximos meses, talvez até com troca de membros do primeiro escalão da equipe econômica. Apesar da enorme riqueza natural, o Brasil carrega três feridas que, juntas, são capazes de manter o país na pobreza: a baixa qualidade da educação, a precária infraestrutura física e, não menos importante, a corrupção crônica que atinge todos os níveis de governo e paralisa um número imenso de obras. Se a essas feridas for adicionada a percepção dos agentes econômicos de que o governo não tem convicção quanto à economia livre de mercado, está pintado o quadro capaz de explicar por que um país tão beneficiado pela natureza insiste em crescer pouco e retardar a eliminação da pobreza social. É lamentável que o Brasil siga por dois anos crescendo muito pouco – 2,7% em 2011 e estimado 1% em 2012 – e jogue fora a conquista de 2010 com o aumento de 7,5% no PIB pela baixa média de crescimento dos últimos três anos. Computando o fato de que a população em 2010 era de 190,7 milhões e atingiu 193,9 milhões em julho de 2012 (portanto, 3,2 milhões de habitantes a mais em apenas 2,5 anos), tem-se a conclusão de que a renda per capita praticamente estagnou. Os problemas do Brasil são conhecidos, mas sempre falta capacidade política do governo para mudar a história e colocar o país de uma vez por todas na rota de um crescimento sustentado, tão necessário para reduzir os níveis de miséria e pobreza.

A RTIGO

NESTA EDIÇÃO TEM

Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves *

22 PÁGINAS CADERNO PRINCIPAL - OPINIÃO - POLÍTICA - GERAL - CIDADES - COTIDIANO - ESPORTES - AGRONEGÓCIO

A 01 - 08 A 02 A 03 A 04 A 05 A 06 A 07 A 08

2ª CADERNO - AGRONEGÓCIO - ATAS & EDITAIS - SOCIAL

B 01 - 08 B 01 B 02 - 07 B 08

STF, embargos e... estaca zero

PREVISÃO PARA HOJE

290 200

SANTO ANTÔNIO DA PLATINA

A RTIGO Pedro Cardoso da Costa *

Um filho a cada falha Existem alguns problemas que são mesmo de difícil solução. Destes, alguns têm explicações plausíveis, outros, só a complexidade humana é capaz de explicar. Um desses problemas eternos é o nascimento de filhos de forma desordenada sejam de solteiros, amasiados ou casados. Há microrregiões em que alguns homens se tornam reconhecidos pela quantidade de filhos que despejam no mundo, verdadeiros reprodutores, como se autodenominam, criados geralmente pelos avós maternos. Muitos são admirados e imitados. Nessa situação em particular, o problema seria bastante minimizado se o Ministério Público, por meio dos promotores, tomasse consciência do seu papel e processasse a todos, por maus-tratos ou abandono de incapazes, nos casos mais graves, e os demais pela concessão de pensão alimentícia. Muitos pais não dão forma-

ção aos filhos necessária para fazerem a opção de ter filhos planejados, seja do ponto de vista da renda suficiente para alimentá-los, ou para adquirir moradia ou necessária para uma formação educacional. Em alguns ambientes familiares existem mesmo bastante conivência e permissividade. Nos grupos há uma valoração distorcida. Como regra as amigas realizam um chá de bebê, o incentivo necessário à gravidez de jovens e a visão de que a questão material estaria resolvida. Depois, sofrem crianças, pais, avós e todos que tenham um relativo senso social. São diversos argumentos a justificar o número de filhos acima das possibilidades mínimas de cuidados, independente de ser um, serem dois ou mais. Toda vez que se pratica um ato sexual capaz de engravidar, deve-se ter a noção exata que a falta de prevenção trará uma gravidez naturalmente. Todas as igrejas, os sindi-

TRIBUNA DO VALE

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 Editora Jornal Tribuna do Vale LTDA CNPJ 01.037.108/0001-11 Matriz: Rua Tiradentes 425, Centro Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43 3534 . 4114

Diretor Responsável Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale@tribunadovale.com.br tribunadovale@uol.com.br

catos, as ONGs, os governos e familiares deveriam informar aos jovens com clareza absoluta dos riscos da gravidez, e cobrar responsabilidade total dos seus pupilos, de forma incisiva, quando arrumassem filhos. Nada de passar a mão na cabeça; nada de dar moleza; nada de assumir o lugar de quem os fez. O adágio “quem pariu Mateus, balance”, tem que ser levado ao pé da letra. O Ministério Público e a Justiça têm que atuar em defesa do bem-estar das crianças e penalizar os pais que as abandonassem ou não cuidassem devidamente, para respaldar o princípio básico de toda pena, que é servir de exemplo. Todos os pontos aqui abordados servem para mulheres e homens. Jamais se deve diminuir a responsabilidade deles ou referendar o machismo pela quantidade de filhos. Essa posição vai além da tolice, traz consequências sociais graves para todos. Enquanto os pais

irresponsáveis não forem para cadeia por deixar filhos abandonados pelo mundo, infelizmente, a sociedade ainda vai presenciar pessoas fazendo filhos por divertimento ou por afirmação sexual. As desculpas da falha do remédio ou do rasgão da camisinha não colam mais nos dias atuais, pois até já existe a pílula para o dia seguinte. Facilitar o acesso à cultura, à prática de esporte, ao artesanato, à música, mostra um lado bom da vida que não substitui a necessidade de procriar. Mas a consciência sobre a necessidade de cuidar dos filhos é o vetor preponderante para acabar de vez com a fabricação de filho como se fosse produção numa indústria. Colocar filho no mundo deveria ser encarada por todos com muita seriedade. *Pedro Cardoso da Costa ‒ Interlagos/SP - Bacharel

em direito

Representação: MERCONET Representação de Veículos de Comunicação LTDA Rua Dep. Atílio de A. Barbosa, 76 conj. 03 - Boa Vista - Curitiba PR Fone: 41-3079-4666 ¦ Fax: 41-3079-3633 Vendas Assinatura Anual R$ 200,00 Semestral R$ 100,00

Impressão e Fotolito: Editora Jornal Tribuna do Vale Fone/Fax : 43 3534 . 4114

Desde o dia que os primeiros mensaleiros foram condenados pelo STF (Supremo Tribunal Federal), o povo espera, com certa impaciência, o dia em que esses errantes serão trancafiados, terão restrição parcial de liberdades ou de prestar serviços à comunidade, conforme a gravidade da pena que cada um recebeu. Depois de ver imposta a até então inacreditável condenação, a sociedade quer ver o seu cumprimento para, só a partir daí, acreditar que vivemos, efetivamente, em novos tempos. As escaramuças havidas durante o julgamento serviram para mostrar ao povo a independência dos membros do colegiado em seus pensamentos e ações. Mas as discussões sobre prisão imediata (ou não) dos condenados ou se a perda de mandato dos deputados sentenciados deve ser decidida pelo tribunal ou pela Câmara Federal, remete a opinião pública ao mesmo descrédito vigente antes do julgamento. A marcha do julgamento levou muitos a pensarem que ainda neste final de ano teríamos as sentenças publicadas e os réus levados a cumprir as penas. Isso já ficou para 2013, pois depende de providências de ordem burocrática, e a Justiça logo entra em recesso. O mais preocupante, no entanto, não é isso. Existem na legislação brasileira as figuras dos embargos infringentes e de declaração, que a defesa pode apresentar assim que é publicada a sentença, para questionar pontos específicos em que houve discordância entre os membros do tribunal, ou sanar contradições, omissões, ambiguidades e obscuridades da sentença ou acordão. A simples existência desses recursos, que são legais, joga por terra a discussão que se trava sobre a perda dos mandatos pelos deputados João Paulo Cunha (PT/SP), Pedro Henry (PP/MT) e Valdemar da Costa Neto (PR/ SP), condenados no mensalão, que ainda têm dois anos de direito a permanecer na Câmara Federal, e do suplente petista José Genoíno, que assumirá em janeiro. Beneficiado por esses mesmos recursos, o também deputado Natal Donadon (PMDB/RO), condenado em outubro de 2010 a 13 anos e quatro meses de reclusão, por ter participado de um desvio de R$ 8,4 milhões dos cofres públicos em seu Estado, continua exercendo o mandato de deputado federal. O julgamento dos embargos demora anos. Na prática, até agora, os únicos punidos pelo mensalão são José Dirceu e Roberto Jefferson, que tiveram seus mandatos de deputado cassados na Câmara. Se seus parceiros mensaleiros ficarem impunes, poderão até reclamar compensações. Da mesma maneira que poderão beneficiar os parlamentares, os embargos estarão à disposição dos demais condenados para também retardarem o cumprimento de suas penas. E, para o povo, não restará mais do que o sabor amargo de constatar que o Brasil novo acalentado nos últimos tempos pode não passar de um sonho. Pior é que o cidadão ainda restará com o direito a desacreditar na eficiência do Poder Judiciário... *Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves – dirigente da ASPOMIL (Associação de Assist. Social dos Policiais Militares de São Paulo) - aspomilpm@terra.com.br Circulação: Abatiá ¦ Andirá ¦ Arapoti ¦ Bandeirantes ¦ Barra do Jacaré ¦Cambará ¦ Carlópolis ¦ Conselheiro Mairink ¦ Figueira¦Guapirama ¦ Ibaiti ¦ Itambaracá ¦ Jaboti ¦ Jacarezinho Jaguariaíva ¦ Japira ¦ Joaquim Távora ¦ Jundiaí do Sul ¦ Pinhalão ¦ Quatiguá ¦ Ribeirão Claro ¦ Ribeirão do Pinhal ¦ Salto do Itararé ¦Santana do Itararé¦ Santo Antônio da Platina ¦ São José da Boa Vista ¦ Sengés ¦ Siqueira Campos ¦Tomazina ¦ Wenceslau Bráz

Filiado a Associação dos Jornais Diário do Interior do Paraná

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.


Política A-3

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Voce acha que com cinco vereadores alguém da oposição tem chance de eleger o presidente” Eleitora

P anorama Regional B. Francisquini

Assédio e bombardeio O vereador eleito Valdir Domingos de Souza, o Valdir do Foto, vem sendo o alvo dos holofotes de situação e oposição em Santo Antônio da Platina. Eleito pelo PSB, do candidato derrotado Chico da Princesa, Valdir vem sendo assediado para apoiar a candidatura de Santinho Furtado (PMDB), que deseja ser o presidente da câmara contra José Jaime de Paula, o popular Mineiro, do mesmo partido de Valdir. O problema é que par-

ceiros de Valdir do Foto não se conformam com a possibilidade deste vir a apoiar um adversário, o único que durante a campanha jogou sujo contra Chico, fazendo acusações infundadas na tentativa de desestabilizá-lo perante o eleitorado. Aliás, Santinho nunca aceitou o fato de Chico da Princesa, como deputado federal, ter demonstrado ser muito superior a ele, que ocupou por duas vezes uma cadeira na Câmara federal.

Traição Para vários parceiros de Valdir do Foto, a possibilidade dele apoiar a candidatura adversária à Câmara de Vereadores soaria como uma traição, uma punhalada pelas costas em gente que ao longo de anos sempre esteve ao seu lado, apoiando suas iniciativas e projetos políticos. Nada definido Para este colunista, Valdir disse que ainda não tomou uma posição, chegando a admitir que poderia candidatar-se a presidente do Legislativo. Definido Mineiro, em conversa telefônica, ontem à tarde, disse que sua candidatura é definitiva, informando que tem compromisso com assumido com os vereadores Cassão e Joel Nóbrega, além de conversas bem definidas com Professor Nivaldo e o provável apoio do companheiro de partido, Valdir do Foto. Bom senso Se o PSB reunir o diretório municipal ou mesmo a executiva do partido e decidir que a agremiação indica o voto de seus vereadores em Mineiro, que desobedecer perde o mandato por infidelidade partidária. Consultado Chico da Princesa acha essa medida desnecessária, porque acredita no bom senso de seus representantes. US$ 350 milhões ao Paraná O governo federal enviou nesta terça-feira (18) ao Senado da República autorização de empréstimo de U$ 350 milhões ao Paraná. O empréstimo, a ser concedido pelo Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird) foi assinado pela presidenta Dilma Rousseff e pela ministra Gleisi Hoffmann nesta manhã. O pedido, que chegou ontem ao Palácio do Planalto, ainda precisa ser analisado pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal, que realizará uma sessão extraordinária antes de encerrar as atividades do Congresso.

Juiz cassa registro de eleito e cidade pode ter nova eleição

JUSTIÇASe não reverter decisão da Justiça Eleitoral, presidente da Câmara deverá assumir prefeitura a partir do dia primeiro Antônio de Picolli

Maurício Reale

Uma decisão do Juiz Eleitoral Antonio Sergio Bernardinetti David Hernandes, da comarca de Ribeirão do Pinhal, mergulha o município de Jundiaí do Sul em mais uma crise institucional que abala a comunidade local. O município, que no último mandato administrativo teve quatro prefeitos, deve iniciar 2013 governada pelo presidente da Câmara de Vereadores que for escolhido no dia 1º de janeiro. É que o prefeito eleito Jair Sanches do Nascimento (PR) e de sua vice, Isabela Arana Rodrigues (PSC), tiveram seus registros eleitorais cassados e os votos que obtiveram anulados, obrigando a convocação de nova eleição. A cassação do registro foi requerida pelo promotor eleitoral Ricardo Fonseca Basso e concedida pelo juiz eleitoral da comarca de Ribeirão do Pinhal, que deixou o cargo na segunda-feira, 17. O promotor entrou com uma ação contra o prefeito por abuso do poder político e econômico, acusado de ter cometido irregularidades como realização de serviços com máquinas da Prefeitura, como obras de cascalhamento e limpeza de fossas em estradas particulares, promessa de empregos públicos a diversos eleitores de Jundiaí do Sul em troca de votos e concessão de gratificações, durante o período eleitoral, a funcionários públicos municipais. Das quatro acusações for-

Nascimento teve seu registro cassado

malizadas pelo promotor, o juiz eleitoral negou pedido a três supostas irregularidades, mas acatou a denúncia de concessão ilegal de gratificações a servidores públicos em período eleitoral, determinando a cassação do registro do eleito e sua vice, bem como a nulidade dos votos destinados a eles. Além dessas penalizações, Nascimento e Isabela também foram multados e seus direitos políticos foram suspensos por oito anos. O juiz entendeu que Jair cometeu abuso de poder econômico e político durante o período das eleições.

O prefeito, em entrevista por telefone, disse que se sente injustiçado e que não cometeu qualquer irregularidade no processo eleitoral. Segundo ele, as acusações são factoides criados pelos adversários que não se conformam com a derrota nas urnas. Os advogados de Jair do Nascimento apresentam recursos na quinta-feira, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em Curitiba, tendo em vista que nesta quarta-feira é feriado nas repartições públicas do estado em razão da data da emancipação política

do Paraná. Nova eleição Com a decisão for mantida em instâncias superiores, será marcada uma nova eleição majoritária em Jundiaí do Sul e a oposição já começa a se articular. Segundo o ex-prefeito Joel Rauber – que atualmente ocupa a chefia de gabinete da prefeitura de Santo Antônio da Platina – o adversário de Nascimento, Eclair Rauen (DEM), estaria disposto a concorrer novamente. Nascimento se reelegeu com uma diferença de apenas 37 votos. Ele teve 50,82% dos votos válidos contra 49,18% de Rauen. Dos nove vereadores que farão parte da Câmara, quatro - Pedrinho da Loja (PSL), Betinho (PT), Polaco da Alterosa (PSL) e Irineu Viana (PSL) – apoiam Rauen. Segundo Rauber, mesmo com a maioria dos parlamentares a favor do grupo liderado pelo ex-prefeito Valter Abras – do qual Nascimento pertence – a eleição do próximo presidente da Câmara é uma incógnita. Lideranças da situação discordam de Rauber, que, aliás, foi rejeitado pela comunidade local, levando uma autentica surra nas urnas. Ele queira tanto derrotar o grupo de Valter Abras que foi o maior doador individual na campanha jundiaiense, destinando quase R$ 40 mil ao candidato Rauen. “Voce acha que com cinco vereadores alguém da oposição tem chance de eleger o presidente?”, questiona uma eleitora, em tom de irônico.

ELEIÇÕES 2012

Justiça Eleitoral faz diplomação dos eleitos em 2012 Tiemi Abe

Jundiaí não merece! A decisão da Justiça Eleitoral da Comarca de Ribeirão do Pinhal, que acatou pedido do Ministério Público e cassou o registro do prefeito eleito Jair Sanches do Nascimento, suspendendo dessa forma sua diplomação que aconteceria na noite de segunda-feira, provoca na população a reação de medo de que a cidade possa repetir o drama dos últimos quatro anos em que passaram pela prefeitura nada menos que quatro prefeitos. Perdas O município levará muito tempo para se recuperar das perdas ocorridas com a crise institucional. O que as lideranças temem é que a comunidade não suporte mais uma fase de instabilidade política. Show de bola O Produto Interno Bruto (PIB) do Paraná deve crescer 1,9% de janeiro a outubro de 2012, em relação ao mesmo período de 2011. A variação equivale a quase o dobro da registrada no País, estimado em 1% pelo Banco Central, a partir de pesquisa com instituições de mercado. A estimativa foi apresentada terça-feira (18/12) pela diretoria do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes), juntamente com outros dados sobre o comportamento da economia estadual neste ano. Em 2011, o PIB do Estado foi avaliado em R$ 242 bilhões. Conjuntura Diante da conjuntura nacional, os números são considerados positivos pelo presidente do Ipardes, Gilmar Mendes Lourenço, mesmo levando em conta que o crescimento do PIB paranaense este ano ficou abaixo do registrado em 2011 (4%). Segundo ele, a desaceleração deve-se à crise financeira internacional e à estiagem que atingiu o Estado no início do ano, gerando quebra de aproximadamente 20% na safra de verão. “O resultado do Estado surpreende, pois é praticamente o dobro da média nacional, num momento em que vivemos uma estagnação da economia mundial, principalmente nas grandes economias”, destacou Lourenço.

Hernandes, juiz eleitoral, entrega diploma a Dartagnan Tábatha Karine

Após a vitória nas urnas, foram diplomados os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores eleitos nos municípios de Abatiá, Jundiaí do Sul e Ribeirão do Pinhal, a diplomação ocorreu na segunda-feira, 17 às 20h30, no Centro Cultural de Ribeirão do Pinhal. Autoridades estiveram presentes na solenidade o juiz eleitoral Sérgio Bernardinnetti, promotor de justiça Ricardo

Fons eca B ass o, chefe de cartório Leandro José de Souza, analista judiciária Renata Ferracin de Oliveira e delegado de polícia Tristão Antônio Borborema de Carvalho, além dos familiares dos diplomados. Foram entregues os diplomas do prefeito Dartagnan Calixto Fraiz (PSC) e vice Nadir Sara Fraga Melo (PMDB) e do município de Abatiá a prefeita eleita Maria de Lourdes Ferraz Yamagami (DEM ) e vice

Eder Júnior Aparecido de Oliveira (PSC). Na ocasião o prefeito e vice do município de Jundiaí do Sul - Jair Sanches (PR) e Izabela Arana Rodrigues (PSC) não foram diplomados por decisão proferida nos Autos n.536-86.2012.6.16.0082, d e a ç ã o d e i nve st i g a ç ã o judicial eleitoral. Com a coligação “Unidos por Jund i aí” – obt ive r am 1 .1 5 2 votos (50,82% dos votos). A prefeita eleita pelo município de Abatiá,

Maria de Lurdes foi escolhida para falar em nome dos prefeitos eleitos. Elzi G on ç a lve s ( P M DB ) , ve readora eleita por Abatiá dis c urs ou em nome dos vereadores eleitos pela 82ª zona eleitoral. Depois da diplomação, o candidato eleito torna-se apto para tomar posse do cargo para o qual foi democraticamente escolhido. Os vereadores e suplentes dos três municípios foram chamados por ordem de votação


A-4 Geral

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Prefeito eleito assina prorrogação e transferência de convênios JACAREZINHO Algumas obras já começaram e outras irão iniciar na nova gestão Jivago França

Um a r e u n i ã o n o g a bi n e t e d a pre fe itu r a d e Jacarezinho na manhã de ontem, marcou o ato de t r a n s f e rê n c i a e pror ro gação dos convênios da prefeitura, para a gestão do prefeito eleito, Sérgio

Eduardo Emygdio de Faria (DEM). Na reunião, o vice prefeito eleito, José Carlos Molini (PSDB) e os futuros secretários também estiveram presentes, assim como repres ent antes da C aixa Econômica Federal (CEF). O ato aconteceu depois que as autoridades fizeram seus pronunciamentos. A representante da Câmara de Vereadores, Luciana Alves ressaltou durante o evento que não haverá confusão entre os poderes legislativo e executivo. “Não temos interesse em conflitos com o executivo”, afirmou. O engenheiro e secretário de Desenvolvimento Urbano, Edson Jackson Yera de Oliveira, apontou a reorganização do bairro Nossa Senhora

das Graças como o principal marco da administração da prefeita Valentina Helena de Andrade Toneti (PT). “Só foram duas obras deste porte na região, uma em Cambé e outra aqui”, afirmou. O gerente regional da superintendência de Londrina da CEF, Olides Millezi Júnior salientou a importância do ato de transferência amigável como aconteceu em Jacarezinho. “Quem dera todas as prefeituras foss em assim”, diss e Júnior. Para o prefeito eleito, é preciso ter persistência. “Temos que ser persistentes como fui nas eleições que disputei até conseguir a vitória”, afirmou Faria. Para a prefeita Tina, a exigência da CEF é válida.

“Temos que ser persistentes como fui nas eleições que disputei até conseguir a vitória” ,disse Sérgio

“É recurso público. Temos que qualificar as equipes mesmo. Concordo com as exigências”, disse durante a solenidade. A nova gestão que assumirá o comando da prefeitura em 1° de janeiro terá como herança da gestão

É recurso público. Temos que qualificar as equipes mesmo. Concordo com as exigências”

atual, 32 convênios que foram prorrogados na manhã de ontem. “Queremos uma estrutura mínima para poder trabalhar, pois tem prefeitura que não está abrindo as portas para a transição amigável e no dia 1°, os eleitos caem de paraquedas sem saber como está a administração. Bem que eu gostaria de receber todas estas obras como estamos entregando agora para o doutor”, citou a prefeita Tina. No total, foram prorrogados mais de 30 convênios, que vão desde p av i m e nt a ç ã o a s f á lt i c a ; rede de drenagem e rede de energia elétrica até a constr ução de unidades habitacionais; construção da Super Creche no bair-

18/12/12

CÂMBIO

18/12/12

DÓLAR COMERCIAL

INDICE BOVESPA Alta: 1,50%

60.450 pontos

Volume negociado: R$ 6,85 bilhões 59.623 59.474 59.316 59.604 59.566 60.450

Baixa: 0,38% Compra Venda

EURO Alta: 0,34% Compra Venda

Var. dezembro: -1,97% R$ 2,087 R$ 2,089

DÓLAR PTAX (Banco Central) Alta: 0,31% Compra Venda

11/12

12/12

13/12

Ações Petrobrás PN Vale PNA BMFBovespa ON ItauUnibanco PN Brasil ON Usiminas PNA Embraer ON JBS ON

14/12

17/12

% +1,26 +1,71 +3,13 +0,58 +3,14 +7,50 +5,26 +3,15

R$ 20,17 41,00 13,86 32,89 22,98 12,32 14,00 5,89

BOLSAS NO MUNDO Dow Jones Londres Frankfurt Tóquio

% 13.351,04 5.935,90 7.653,58 9.923,01

OURO - BM&F 18/12

18/12

Alta: 0,70% Compra Venda

+0,87 +0,40 +0,64 +0,96 var. dia

R$ 113,00 /grama

IR

-0,88%

DEZEMBRO

BASE (R$) Até 1.637,11 De 1.637,12 até 2.453,50 De 2.453,51 até 3.271,38 De 3.271,39 até 4.087,65 Acima de 4.087,65

Alíquota % 7,5 15 22,5 27,5

Parc. a deduzir 122,78 306,80 552,15 756,53

Deduções: a) Assalariados: 1-R$ 164,56 por dependente; 2 - pensão alimentícia; 3 - contribuição à Prev. Social; 4 - R$ 1.637,11 por aposentado a partir de 65 anos; 5 - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carne Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.

SELIC/IR IR 2012- A 8ª parcela venceu em 30/11. para esta e outras parcelas atrasadas há juros de 5,45% para pagamento em dezembro

MÊS Set/12 Out/12

TAXA SELIC 0,54% 0,61%

MÊS Nov/12 *Dez/12

TAXA SELIC 0,55% 1,00%

*No mês corrente a Selic é sempre 1,00% Indicadores Econômicos: elaboração da agência Dossiê:Dinheiro. Fone: (41) 3205-5378

Var. dezembro: +0,70% R$ 2,61 R$ 2,89

OUTRAS MOEDAS X REAL

Var. dezembro: -0,89% R$ 2,04 R$ 2,22

Iene Libra esterlina Peso argentino

DÓLAR TURISMO Estável Compra Venda

Var. dezembro: +0,87% R$ 2,7623 R$ 2,7633

EURO TURISMO

Var. dezembro: -0,51% R$ 2,0960 R$ 2,0966

DÓLAR PARALELO Estável Compra Venda

R$ 0,0250 R$ 3,40 R$ 0,43

US$ 1 É IGUAL A:

Var. dezembro: -0,68% R$ 2,040 R$ 2,190

Iene Libra esterlina Euro

83,97 0,6163 0,7587

ÍNDICES DE INFLAÇÃO Índices em % INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IPCA-15 (IBGE) IPC (FIPE) IPC (IPARDES) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPA-DI (FGV) IPC-DI (FGV) INCC-DI (FGV)

jun 0,26 0,08 0,18 0,23 0,07 0,66 0,69 0,89 0,11 0,73

jul 0,43 0,43 0,33 0,13 0,16 1,34 1,52 2,13 0,22 0,67

ago 0,45 0,41 0,39 0,27 0,36 1,43 1,29 1,77 0,44 0,26

REAJUSTE ALUGUÉIS Índice INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV)

out 1,0558 1,0528 1,0807 1,0817

nov 1,0599 1,0545 1,0752 1,0741

ro Aeroporto; melhorias internas e externas do Terminal Rodoviário; reforma e construção de Unidades

Básicas de Saúde; criação do Parque Tecnológico do Norte Pioneiro (Tecpar), entre outros.

Mercado Agropecuário

Indicadores Econômicos BOVESPA

Prefeito eleito Sérgio de Faria assumirá mais de 30 convênios

dez 1,0595 1,0553 1,0696 1,0722

* Correção anual. Multiplique valor pelo fator acima

set 0,63 0,57 0,48 0,55 0,80 0,97 0,88 1,11 0,54 0,22

out 0,71 0,59 0,65 0,80 0,50 0,02 -0,31 -0,68 0,48 0,21

nov 0,54 0,60 0,54 0,68 0,94 -0,03 0,25 0,16 0,45 0,33

ano 5,42 5,01 5,05 4,29 5,48 7,09 7,39 8,33 5,05 6,95

12m 5,95 5,53 5,64 4,92 6,11 6,96 7,22 7,73 5,89 7,06

OUTROS INDICADORES out BTN + TR 1,570040 TJLP (%) 5,50 Sal. mínimo 622,00 FGTS (%) 0,2466 TAXA SELIC ANUAL: 7,25%

PREVIDÊNCIA

nov 1,570040 5,50 622,00 0,2466

dez 1,570040 5,50 622,00 0,2466

COMPETÊNCIA NOVEMBRO

Vencimento: empresas 20/12 e pessoas físicas 17/12. Após multas de 4% a 100% e juros (Selic)

Empresário/empregador

Facultativo

Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 622,00 (R$ 68,42) e R$ 3.916,20 (R$ 430,78), através de GPS.

Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 622,00 (R$ 124,40) e R$ 3.916,20 (R$ 783,24), através de carnê.

Autônomo

Assalariados

1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 622,00 (R$ 124,40) a R$ 3.916,20 (R$ 783,24). 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% sobre o máximo de R$ 3.916,20 (R$ 430,78) e desconta do autônomo.

Salários até 1.174,86 De 1.174,87 até 1.958,10 De 1.958,11 até 3.916,20

3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre jurídicas, até R$ 3.916,20 (R$ 430,78). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.916,20. 4) Aut. especial: sobre R$ 622,00, recolhe 5% (donas de casa, Lei 12.470/2011) ou 11% (demais especiais), mas a aposentadoria é por idade.

8,00% 9,00% 11,00%

Empregados domésticos Empregado Empregador Total

Alíquota % 8 a 11 12 20 a 23

R$ mín 49,76 74,64 124,40

R$ máx 430,78 469,94 900,72

SALÁRIO FAMÍLIA - NOVEMBRO/2012 Salário de até R$ 608,80 Salário de R$ 608,81 a 915,05

R$ 31,22 R$ 22,00

POUPANÇA, TR

LOTES - ATACADO

Poupança antiga: depósitos até 03/05/12 Nova poupança: dep. a partir de 04/05/12

POUP. ANTIGA

% 0,50 0,50

Novembro/12 Dezembro/12

NOVA POUP. Índice

set out 0,4273 0,4273

TR MÊS

% 0,00 0,00

Novembro/12 Dezembro/12 Período 17/11 a 17/12 18/11 a 18/12 19/11 a 19/12 20/11 a 20/12 21/11 a 21/12 22/11 a 22/12 23/11 a 23/12 24/11 a 24/12 25/11 a 25/12 26/11 a 26/12 27/11 a 27/12 28/11 a 28/12 29/11 a 29/12 30/11 a 30/12 1/12 a 31/12 1/12 a 1/1 2/12 a 2/1 3/12 a 3/1 4/12 a 4/1 5/12 a 5/1 6/12 a 6/1 7/12 a 7/1 8/12 a 8/1 9/12 a 9/1 10/12 a 10/1 11/12 a 11/1 12/12 a 12/1 13/12 a 13/1 14/12 a 14/1 15/12 a 15/1 16/12 a 16/1 17/12 a 17/1

POUP ANTIGA 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000

ano 5,95 6,48

SOJA - saca 60kg 12 m 6,58 6,48

nov dez 0,4134 0,4134 ano 0,29 0,29

POUP NOVA 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134

12 m 0,38 0,29 TR 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

CUB PARANÁ Fonte: Sinduscon/PR e Sinduscons regionais R$/m2 OUT NOV %m %ano %12m Paraná 1.071,50 1.072,78 0,12 7,76 7,95 Norte 1.024,46 1.025,48 0,10 5,53 5,71 Noroeste 1.046,38 1.047,83 0,14 7,60 7,84 Oeste 1.063,17 1.064,47 0,12 6,71 6,79

SAL. MÍNIMO - PARANÁ Grupo 1 R$ 783,20 Trab.s na agricultura. Grupo 2 R$ 811,80 Serviços administrativos, domésticos e gerais, vendedores e trab. de reparação.

18/12/12

Grupo 3 R$ 842,60 Trab. produção de bens e serviços industriais Grupo 4 R$ 904,20 Técnicos nível médio. *Valores válidos de maio/2012 a abril/2013

PRAÇA Paranaguá Ponta Grossa Maringá Cascavel Sudoeste Guarapuava

TRIGO - saca 60kg R$ 73,00 72,00 70,00 71,00 73,00 72,00

SEM -3,9% -4,6% -5,4% -2,7% -3,3% -2,7%

30 d. 7,4% 2,9% 1,4% 1,4% 4,3% 2,9%

34,50 29,50 29,00 32,00 32,50 32,00

3,0% -1,7% -3,3% 4,9% 8,3% 8,5%

4,5% -4,8% -1,7% 1,6% 6,6% 6,7%

MILHO - saca 60kg Paranaguá Sudoeste Cascavel Maringá Ponta Grossa Guarapuava

PRAÇA Curitiba Ponta Grossa Maringá Cascavel

R$ 49,00 49,00 48,50 47,50

SEM 6,1% 6,5% 6,6% 5,6%

30 d. 24,1% 25,6% 24,4% 23,4%

INDICADORES CEPEA/ESALQ PRODUTO Bezerro (1) Boi gordo (2) Café (3) Algodão (4)

R$ 701,80 95,08 335,98 158,77

DIA 0,97% -0,65% -0,40% 0,03%

MÊS -0,39% -1,39% -3,10% 1,33%

1- sc 50Kg, com impostos, posto usina SP; 2 -média à vista da arroba no Estado de SP; 3 - valor à vista saca 60kg posto SP Capital, arábica, bica corrida, tipo 6; 4 - em pluma, cent/R$ por libra-peso (453 gr), posto SP Capital.

Soja, milho e trigo: fonte Dossiê:Dinheiro; Cepea/Esalq: mais informações em www.cepea.esalq.usp.br

PREÇO AO PRODUTOR Produto

unidade

média PR - R$

18/12/12 var. diária

var. 7 dias

var. 30 dias

C.Proc. R$

Jacar. R$

SOJA saca 60 kg 69,41 -0,5% 0,5% 3,0% MILHO saca 60 kg 27,49 0,1% -0,3% 3,5% TRIGO saca 60 kg 37,08 0,1% 2,9% 8,7% FEIJÃO CAR. saca 60 kg 145,53 -0,1% -1,5% 10,0% BOI GORDO arroba, em pé 96,28 -0,1% -0,8% -1,4% SUÍNO kg, vivo 3,10 0,0% -0,3% 6,2% FRANGO kg, vivo 2,32 0,4% 1,3% 2,7% CAFÉ BEN. beb. dura, 60kg 299,79 -0,2% -2,3% -7,5% CAFÉ kg, em coco 4,80 -0,2% -2,8% -7,3% Fonte: Sima/Deral/Seab. Os preços nas praças referem-se aos valores “mais comuns” apurados

69,00 26,50 36,00 96,00 3,35 297,00 4,90

26,50 36,00 160,00 92,00 3,40 2,95 300,00 4,50

MERCADO FUTURO BOLSA DE CHICAGO (CBOT) SOJA Cont. jan/13 mar/13

18/12/12 MILHO

- US$cents por bushel (27,216 kg)

FECH. 1.466,00 1.460,50

*DIF. 1 SEM. -30,25 -0,4% -27,75 -0,7%

1 MÊS 6,0% 6,8%

444,90 442,70

-10,50 -9,20

Cont. mar/13 mai/13

FECH. 720,00 723,75

*DIF. 1 SEM. -4,00 -1,1% -3,75 -0,9%

1 MÊS -1,5% -0,3%

TRIGO - US$cents por bushel (25,4 kg)

FARELO - US$ por tonelada curta (907,2kg) jan/13 mar/13

- US$cents por bushel (25,4 kg)

-0,7% -0,1%

6,2% 8,2%

mar/13 mai/13

811,25 823,00

3,25 2,75

-1,2% -1,3%

-5,0% -4,3%

*Diferença sobre dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 na soja, milho e trigo e US$ 1,00 no farelo

BOLSA DE NOVA YORK (NYBOT) CAFÉ Cont. dez/12 mar/13

- US$cents/libra peso (0,453 kg)

FECH. 133,50 144,00

*DIF. 1 SEM. -4,45 -5,4% -1,95 -3,7%

1 MÊS -9,4% -5,6%

18/12/12 ALGODÃO

- US$cents/libra peso (0,453 kg)

Cont. mar/13 mai/13

FECH. 75,95 76,73

*DIF. 1 SEM. 0,10 1,4% 0,07 1,2%

1 MÊS 4,6% 4,9%

*Diferença s/ dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 no café e algodão.

BOLSA DE MERCADORIAS DE SÃO PAULO (BM&F) Cont. mar/13 mai/13

C 31,36 30,73

VP -0,36 -0,25

CN 67

CA 129 2.053

0,01 -0,29

677 414

5.937 3.231

BOI GORDO - R$/arroba nov/12 dez/12

95,51 94,18

18/12/12

MILHO - R$/saca 60 kg

SOJA FINANCEIRO - US$ saca 60 kg

Cont. nov/12 jan/13

C 34,52 32,58

VP -0,04 -0,07

CN 947 781

CA 4.731 5.182

343 18

4.735 1.700

CAFÉ - US$/saca 60 kg (arábica) dez/12 mar/13

181,30 187,10

-1,75 -1,90

C-cotação de fechamento (ajuste diário); VP-variação diária (1 ponto = US$ 1,00 ou R$ 1,00); CN - contratos negociados no dia; CA-contratos em aberto.


Cidades A-5

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

IBGE aponta um divórcio para cada quatro casamentos na região ESTUDOJoaquim Távora foi a única cidade da região em que o número de separações superou o de casamentos; 42 contra 39 Celso Felizardo A c a d a qu at ro c a s a m e nt o s r e g i s t r a d o s n a região, um termina em divórcio. Pelo menos essa é a proporção isolada do ano de 2011, divulgada na segunda-feira (17) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio do e stu d o ‘E st at í st i c a s d o Registro Civil 2011’. Ao todo, foram 1.903 casamentos e 493 divórcios nos 26 municípios da área de abrangência da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi). Em comparação com 2010, tanto o número de uniões matrimoniais como o de separações diminuíram. Naquele ano, 1972 novos cas ais se formaram e 573 casamentos foram desfeitos. Em um ano, a queda foi de 3,49% no número de casamentos e de 13,96% no de divórcios. O índice

d e s e p ar a ç õ e s t amb é m era mais alto em 2010; 29% em relação número de casamentos no mesmo período. O s nú m e ro s s e g u e m na contramão do Brasil e do Paraná. Em 2011, foram registrados no país 351.153 divórcios, crescimento de 45,6% em relação a 2010. Já no Paraná, o estudo aponta um crescimento no número de divórcios de 35,4%. No Norte Pioneiro, os divórcios subiram ap enas em Abatiá, Andirá, Cambará, Conselheiro Mai r i nck , Ja c are z i n ho, Jundiaí do Sul, Ribeirão Claro, Salto do Itararé e We n c e s l au Br a z . O re corde de separações foi registrado em 2011 em Ja c are z i n h o. For am 7 6 c as ame ntos c ancel a dos por meio de divórcio. Em praticamente todas as cidades da região o número de casamentos é bem superior ao de separações. A única ex-

ceção no Norte Pioneiro é Joaquim Távora. O município contabilizou 39 casórios e 42 divórcios no ano passado, 107% do total. Apesar do panorama, os divórcios caíram de 60 para 42 em um ano. Guarda compartilhada O estudo do IBGE também traz dados do reflexo d o s d i vórc i o s s o bre a s crianças. Com a separação dos pais, a tendência natural é que a mãe fique com os filhos, porém, a guarda compartilhada cresceu 74% no Paraná entre 2010 e 2011. S egundo os esp e ci alistas, esta é a maneira menos traumática para as crianças e adolescentes a c e it are m a s e p ar a ç ã o. Em 2011, 645 casais que se divorciaram foram autorizados pela Justiça a compartilhar a guarda dos filhos. No ano anterior, apenas 377 casais foram autorizados a dividir a guarda do filho.

APP-Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Paraná • Av. Iguaçu, 880 - Rebouças - Curitiba - Paraná - CEP 80.230-020 Fone: (41) 3026-9822 / Fax: (41) 3222-5261 • Site: www.appsindicato.org.br • Presidente: Marlei Fernandes de Carvalho • Secretário de Imprensa e Divulgação: Luiz Carlos Paixão da Rocha Jornalistas responsáveis: Adir Nasser Junior (3819-PR), Denise Kelm Soares (7379-PR) e Valnísia Mangueira (893-SE). Diagramador: Rodrigo Augusto Romani (7756-PR).

Nº 805 - 19 de dezembro de 2012

Assembleia aprova greve a partir do dia 13 de março Durante o mês de fevereiro, a categoria realiza um calendário de construção do movimento; uma assembleia será realizada em 09/03 A assembleia dos trabalhadores em educação pública estadual realizada neste sábado (15) em Curitiba, com a presença de centenas de professores e funcionários de escola, aprovou a greve da categoria a se iniciar no dia 13 de março. Após a avaliação das negociações com o governo, professores e funcionários aprovaram por ampla maioria a interrupção das atividades. O movimento vai se dar após uma intensa programação de mobilizações nas escolas no início das aulas, em fevereiro, que vai incluir debate com a comunidade, atos públicos, seminário de funcionários e uma campanha de mídia. Diante da negativa do governo em implementar os 33,3% de hora-atividade para os professores, conforme já acordado com a categoria, e a retirada do reconhecimento da graduação para o agente educacional I e da pós-graduação para o agente II do projeto de lei que altera o plano de carreira dos funcionários, ficou claro aos trabalhadores em educação que a greve era o único caminho para levar o governo ao atendimento da pauta. “O governo, a partir da data de hoje, já sabe que estamos construindo a greve, e ela já tem data para começar, dia 13 de março”, disse a presidenta da APP-Sindicato, Marlei Fernandes de Carvalho. A decisão em se iniciar a greve somente em março tem em conta o processo de distribuição de aulas, que se encerra em fevereiro, mês que os trabalhadores também terão para organizar o movimento nas escolas, após as férias de janeiro. Professora Marlei avaliou muito positivamente a decisão da categoria, que de todas as regiões do Estado se fez representar na assembleia. “Foi uma construção bastante coletiva, buscando os consensos, para

que possamos arrancar do governo aquilo com que ele se comprometeu de fato: o plano de carreira com graduação e especialização, os demais itens da pauta e a hora-atividade de 33%, que não tem acordo com a proposta do governo”, disse professora Marlei, observando que o governo será informado por ofício de todas as decisões da assembleia e que a negociação prosseguirá. De acordo com Luiz Carlos Paixão da Rocha, secretário de Imprensa e Divulgação da APP, os educadores mostraram mais uma vez sua disposição para a luta. “De forma unânime, os professores e funcionários negaram a proposta do governo. Unida, a categoria irá começar no dia 13 de março uma grande greve; esta só será suspensa se o governo atender às nossas reivindicações”, disse. Organização - Para antes de se iniciar a greve, os participantes definiram intensificar o debate nas escolas e na comunidade a fim de se construir um movimento forte e unificado. O ínicio da mobilização será com o Dia da APP na Escola, em 7 de fevereiro, para, com debates, os trabalhadores se envolverem no movimento. Há um indicativo, porém, de que já entre os dias 4 e 6 de fevereiro, durante a Semana Pedagógica, seja feito um debate conjunto por setores ou municípios. Com o propósito de integrar a comunidade nos debates das demandas dos trabalhadores da educação, serão realizadas reuniões com pais, alunos e comunidade escolar entre os dias 18 e 22 de fevereiro. Os funcionários da educação, que esperam uma solução que lhes satisfaça nas alterações do Plano de Carreira, realizam um seminário

no dia 22. Estão previstas ainda atividades de panfletagem entre os dias 25 de fevereiro e 1 de março, além de atos regionais em frente aos Núcleos Regionais de Educação no dia 28 de fevereiro. Para o início da greve, em março, a APP organiza reuniões de Conselhos Regionais entre os dias 4 e 7. Por fim, uma nova reunião do Conselho e uma Assembleia Estadual, marcadas respectivamente para os dias 8 e 9 de março, vão encaminhar os últimos detalhes do movimento. A todo o instante, a base vai organizar “recepções” ao governador Beto Richa e ao secretário de Educação e vice-governador Flávio Arns em suas aparições públicas para cobrar os compromissos já assumidos. Demandas - No centro das demandas grevistas, a pauta salarial dos professores incluirá cumprimento da Lei do Piso Salarial Profissional Nacional (que deve ter novo reajuste de em janeiro de 2013), reajuste na data-base geral dos servidores, em maio, já garantida em lei, mas sempre sujeito a medidas supostamente de austeridade do governo, e equiparação salarial dos professores aos demais servidores de nível superior. Os professores não abrem mão dos 33,3% de hora-atividade tomando-se por base a hora-aula de 50 minutos e de participar ativamente de todas as iniciativas que impliquem mudança na matriz curricular. Os funcionários vão reivindicar a aprovação da alteração do Plano de Carreira com o reconhecimento da graduação e a pós-graduação para fins de avanço e reajuste de 8,59%, garantindo-se um aumento real a estes trabalhadores, que hoje recebem as menores remunerações entre os servidores estaduais. Como demandas gerais, estão a adoção

Joka Madruga

Centenas de trabalhadores de todo o estado votaram na proposta do conselho

de um novo modelo de atendimento à saúde que supere o atual SAS e a realização de concursos para o magistério (já previsto) e para funcionários de escola. Mais deliberações - Na abertura da Assembleia de hoje, os participantes receberam informes das etapas prévias da Conferência Nacional de Educação (Conae) e da importância dos núcleos na realização delas. Também foi tratada a criação de novas Apeds, votação do plano de custeio da ParanaPrevidência e iniciativas dos coletivos de Combate ao Racismo, Feminista e de Combate à Homofobia. Seguindo a pauta, a assembleia ainda referendou as alterações no Estatuto da entidade, já aprovadas na reinstalação do XI Congresso da APP, realizado em julho deste ano, em Curitiba, e ainda concluiu a aprovação - já dada em nível regional - da mudança do município de Verê da base do Núcleo Sindical de Pato Branco para a área de atuação de Francisco Beltrão.

Veja o calendário de mobilizações aprovado em assembleia Mobilização 2013 • 07/02 - Dia da APP na Escola (debate para construção da greve) • Indicativo de que num dos dias 04, 05 ou 06 de fevereiro (Semana Pedagógica) seja feito debate conjunto por setores ou municípios. • 18 a 22/02 - reuniões com pais, alunos, material comunidade escolar • 22/02 - Seminário Estadual dos/as Funcionários/as da Educação • 25/02 a 01/03 - panfletagem • 28/02 - Atos regionais em frente aos NREs • 04 a 07/03 - conselhos regionais • 08 e 09/03 - conselho e assembleia estaduais. Indicativo de início de greve no dia 13/03/2013 • Recepções ao Governador e Secretário da Educação - “Governador, compromisso assumido tem que ser cumprido” (Hora-atividade de 33% e Plano de Carreira dos Funcionários)

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DO CONSELHO FISCAL A presidenta do Conselho Fiscal da APP-Sindicato convoca os membros do Conselho Fiscal para reunião ordinária de trabalho, a ser realizada nos dias 19 e 20/12/2012, às 8h30, na sede da entidade, Av. Iguaçu, 880 - Rebouças, Curitiba - PR, para tratar da seguinte pauta: a) Análise dos RMDs da Sede e dos Núcleos Sindicais b) Outros assuntos DIVINA SANTA DE SOUZA - Presidenta do Conselho Fiscal -


A-6 Cotidiano

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Ambientalista afirma que ponte foi mal planejada

Jivago França

JACAREZINHO Morador contou que sogro perdeu móveis na última chuva que atingiu a cidade na sexta-feira

Jivago França

O ambientalista jacarezinhense Edgard de Azevedo afirmou ontem que a ponte

no fim da rua Marechal Deodoro da Fonseca na Vila Rondon em Jacarezinho, foi mal planejada. Ele explicou que ao invés do ribeirão ser aprofundado, a ponte é que foi elevada, motivo que causa alagamento na vizinhança. Azevedo garante ainda que o fato de não ter mexido na largura e profundidade do ribeirão, faz com que a água das chuvas transborde e caia direto na rua. O engenheiro da prefeitura garante que tudo foi feito seguindo normas e medições. Para o ambientalista, o nível do rio está apenas 30 centímetros abaixo do asfalto. Assim, ele acredita que, por ser estreito - cerca de meio

metro em um dos trechos de largura, a água sobe mais que os 30 centímetros e invada a rua. “Se subir 50 centímetros já começa a represar”, afirmou. Azevedo acredita que a solução para acabar com as enchentes constantes no local, seria o aprofundamento de pelo menos um metro do ribeirão, próximo a ponte, além de fazer o alargamento dele até próximo ao estádio municipal Pedro Vilela. “Já temos uma certa experiência e está errada a estrutura. É preciso planejar para evitar a enchente, depois se preocupar com a rampa”, afirmou. “Estamos lutando pela cidade”, garantiu. O morador da rua vereaJivago França

Nível da rua está bem abaixo da ponte que foi elevada, engenheiro diz que não há como afundar o ribeirão

dor Anacleto do Carmo, o pedreiro João Paulo de Oliveira,

Foi feita tecnicamente correta. Naquele trecho é rocha, não há como afundar mais. Quando tinha a pinguela acontecia a enchente ou nunca inundou?”

Ambientalista explicou para morador o que precisaria ser feito para evitar novas enchentes

afirmou que na última chuva

forte ocorrida na sexta-feira (14), a casa de seu sogro, que mora na mesma rua, inundou pelo menos um metro e meio. “Meu sogro perdeu vários móveis. Na minha casa a agua invadiu apenas o quintal, pois a casa é 70 centímetros mais alta que o nível da rua”, contou. “É só chover forte que a água já começa a represar na rua, tem que afundar o ribeirão”, solicitou o pedreiro. Já o engenheiro e secretário de desenvolvimento urbano da prefeitura, Edson Jackson Yera de Oliveira, afirmou que as obras foram realizadas todas dentro dos padrões. “Foi feita tecnicamente correta. Naquele trecho é rocha, não há como afundar mais. Quando tinha a

pinguela acontecia a enchente ou nunca inundou?”, questionou o engenheiro. Durante uma reunião no gabinete da prefeitura na tarde de segunda-feira, a prefeita Valentina Helena de Andrade Toneti (PT), seus secretários e o prefeito eleito, Sérgio Eduardo Emygdio de Faria (DEM) com aliados, discutiram outros assuntos, como a estruturação da cidade, afetada novamente por uma enchente, após três anos da tragédia que matou uma mulher no penúltimo dia de 2009. Até o momento não houve uma decisão do que acontecerá nos próximos meses, mas os moradores temem que novas enchentes aconteçam e causem novas tragédias.

ENERGIA

MAIS BARATA. O Governo Federal decidiu, venceu obstáculos e pode garantir: a conta de luz dos brasileiros vai baixar. O Governo cortou impostos, taxas e tomou outras medidas, porque o Brasil não pode continuar tendo uma das tarifas mais caras do mundo. Essa redução no preço da energia vai trazer mais emprego e mais desenvolvimento. A maioria dos brasileiros apoia a decisão. O Brasil vai crescer ainda mais rápido. E a gente vai crescer com ele.

FUTURO MAIS RICO.


Esporte A-7

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012 Na manhã desta segunda-feira, a diretoria do Barcelona anunciou as renovações de contratos do zagueiro Carles Puyol, do volante Xavi Hernández e do meia Lionel Messi. Os dois primeiros, que viriam os seus vínculos com o clube espanhol terminarem nos meios de 2013 e 2014, respectivamente, agora festejam pela prorrogação para o ano de 2016. Já o de Messi vai até 2018.

A imprensa italiana garante que o Milan vai entrar na disputa com a Juventus pelo atacante marfinense Drogba. Segundo dois jornais, o clube rossonero poderá até mesmo usar o atacante Alexandre Pato para conseguir vencer a Juve. O Milan aceitaria uma proposta do Corinthians por Alexandre Pato, na ordem de 15 milhões de euros (R$ 41,2 milhões). Esse valor seria usado para trazer Drogba na próxima janela de transferências, em janeiro.

Taça será exposta no memorial do Corinthians a partir de sábado

CONQUISTADiretoria espera grande procura por torcedores que desejam tocar no prêmio de maior cobiça para os clubes do planeta Gazeta Esportiva

Exibida pelas ruas de São Paulo na festa desta t e rç a - fe i r a e at é t o c a d a por alguns torcedores no CT do Parque Ecológico, a taça do Mundial de Clubes chegará ao memorial do Corinthians no sábado. O troféu será exibido das 10h às 20h. A expectativa da diretoria é por grande procura, algo semelhante com o que ocorreu após a conquista da Copa Libertadores. Após o triunfo na competição sul-americana, tanta gente tocou na taça que ela se quebrou no caminho para um encontro com o ex-presidente Lula. No memorial, o esquema será o mesmo. Depois d e p a ss ar p or u m a f i l a ,

certamente grande ao menos nos primeiros dias, os alvinegros poderão tirar fotos ao lado da taça, protegida por uma espécie de redoma. O memorial de conquistas do Timão funciona de terça-feira a domingo. Dependendo do dia da semana, os preços variam de R$ 8 a R$ 10, com meia-entrada para sócios, estu d ante s e p e ss o a s c om menos de cinco anos ou mais de 65. Euforia O técnico Tite não se continha do alto do trio elétrico de onde os jog a d ore s d o C or i nt h i ans comemoraram o título do Mundial de Clubes do Japão, nesta terça-feira, logo ap ós des emb arcarem no Brasil. Como um verdadei-

ro torcedor, ele chegou até a puxar o coro do público que o idolatrava nas ruas de São Paulo. “Aq u i t e m u m b a n d o de loucos!”, bradou Tite, qu ando fa lou ao micro-

Quero deixar o cansaço de lado e me dar o direito de curtir o momento como um torcedor”

fone. Eufóricos, os torcedores complet aram com o seu maestro o já famoso incentivo. O treinador ainda beijou e chacoalhou a taça de campeão mundial.

Exibida pelas ruas de São Paulo, a taça do Mundial ganhará espaço de destaque no Parque São Jorge

Tite s ó foi um p ouco mais contido do que seus jogadores. Enquanto a maioria bebia cerveja e extravasava a alegria até com provocações aos rivais do Corinthians, o treinador preferia bater no peito e acenar para a torcida. Os corintianos corresponderam. O nome de Tite

foi gritado p elo público muitas vezes durante a festa, inclusive pelos atletas. Mais de um ano após ser duramente hostilizado após derrota para o colombiano Tolima, na pré- Libertadores, ele encontrava a sua consagração em São Paulo. “Quero deixar o cansaço de lado e me dar o di-

reito de curtir o momento como um torcedor”, disse Tite, entusi asmado com o carinho. “A torcida do C or int hians s empre nos surpreende. Quando chegamos ao Japão e vimos t ant a s p e s s o a s , f i c am o s com um sentimento muito forte de querer retribuir. O troféu está aqui”, sorriu.


cmyb

A-8 Geral

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Falta de apoio público desestimula comércio JACAREZINHOVendas no primeiro dia de lojas abertas no período noturno tiveram queda de pelo menos 10% Jivago França

População não saiu as compras como em anos anteriores; trânsito de veículos prejudicou vendas

Jivago França

A falta de enfeites natalinos, iluminação e até de placas para impedir o trânsito na rua Paraná, principal via do comércio de Jacarezinho, na primeira noite com as lojas abertas em horário diferenciado, desestimulou os consumidores a procurarem as lojas para realizar as compras de fim de ano. Com a circulação de carros, a população precisou ficar na calçada e com isto, em alguns pontos o acúmulo de pessoas desanimou os demais consumidores. De acordo com o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Ja-

carezinho (ACIJA), Marcelo Oliveira, o movimento na primeira noite com as lojas abertas até às 22 horas, foi pelo menos 10% mais fraco do que o mesmo dia do ano passado, onde as ruas estavam enfeitadas e impedidas para o trânsito de veículos. “Os empresários esperavam apoio da administração municipal, mesmo sendo final de mandato, afinal é dezembro, e por mais que Jacarezinho não tivesse grandes atrações poderiam ser reutilizados projetos já elaborados em outros anos. Nem mesmo a árvore de luzes no entroncamento das avenidas foi montada. Este ano, nem a casa do Papai Noel na área central foi colocada”, salientou Oliveira. Pa r a o pre s i d e nt e d a associação comercial, as decorações e iluminações ajudariam atrair consumidores de toda região. “A ACIJA investiu pesado na campanha de Natal, sendo uma das melhores da região, mesmo estando também em fim de mandato, a diretoria investiu na campanha para

o consumidor que merece o nosso respeito”, desabafou. O comerciante Rogério Costa acredita que o comércio sofre com o descaso p or p ar te d a prefe itur a . “Cidade ao redor, e no Brasil todo, estão enfeitadas para Natal. E aqui nada. O comércio s of re muito c om iss o, p ois n i ng u é m entra no clima de Natal e isso não é só eu quem está falando, é todo comércio e toda população”, afirmou o empresário, revoltado com a falta de ajuda da administração municipal. Através da assessoria de imprensa, a Prefeitura de Jacarezinho informou que a partir de ontem mesmo já tomaria providencia quanto a interdição das ruas. Ainda de acordo com a assessoria, não há recursos suficientes para montagem das estruturas já adquiridas em anos anteriores, pois geraria gastos excessivos. A assessoria informou, ainda, que a administração está cortando o maior número de gastos para que a prefeitura seja entregue em dia.

BAIXO DESEMPENHO

MEC suspende vestibular de 207 cursos superiores Agência Brasil

O Ministério da Educação anunciou ontem, a susp ens ão do vest ibu l ar de 207 cursos de instituiçõ es de ensino sup er ior de todo país, nas áreas de engenharia, exatas, tecnologia e licenciatura (formação de professore s ) . A l i s t a d o s c u r s o s será divulgada no Diário

Oficial da União hoje. Os cursos obtiveram notas 1 ou 2 (em uma escala até 5) e foram reprovados duas vezes consecutivas no Conceito Preliminar de Cursos (CPC), que é divu lgado anu a lmente pelo ministério e leva em consideração os resultados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), a qualidade da

Seremos cada vez mais rigorosos com o padrão de qualidade”

infraestrutura, do projeto pedagógico e dos professores – como quantidade

mínima de um docente em tempo integral. Do total de 6.083 cursos avaliados (da rede federal e pr iv a d a ) , 6 7 2 t ive r am desempenho insatisfatório no CPC em 2011, sendo 124 de instituições federais e 548 de particulares. Para as instituições com cursos que tiveram baixo desempenho, o MEC impôs a assinatura de um termo de compromisso para acabar com as deficiências, v i s it a s i n l o c o d e e s p e cialistas para conferir o

cumprimento do acordo e o bloqueio da oferta de mais vagas nos vestibulares. O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, diss e que a medida vis a a e v i t a r q u e e s t u d a nt e s ingressem em cursos sem condições de oferecer prep ar a ç ã o p ar a a c ar re i r a profissional e coibir o func i oname nto d e i nst itu i ções com baixa qualidade. “S eremos c ad a ve z mais rigorosos com o padrão de qualidade”, disse. Quanto à avaliação das

instituições, a pasta anunciou a restrição para o ingresso de estudantes em 185 instituições de ensino superior com baixo d e s e mp e n ho. E l a s te r ã o as vagas dos vestibulares congeladas. Para chegar a esse grupo, o MEC levou em consideração o Índice Geral de Cursos (IGC) de 2011, que ava liou 1.772 instituições. Neste número, não são consideradas as universidades estaduais e mu n i c ip ais , ap e nas as particulares e federais.

GUATEMALA

À espera do fim do mundo, turistas lotam região onde viveram os maias

Pelo calendário Maia, mundo acaba na sexta-feira, 21 Agência Brasil

A pre v is ão de que o mundo acabará NA sexta-feira (21) –, de acordo com interpretações do calendário maia, provocou uma busca elevada de turistas estrangeiros à Guatemala. Assim como Honduras e El Salvador, o local abrigou a civilização maia. A expectativa, segundo o Instituto Guatemalteco de Turismo, é receber cerca de 200 mil estrangeiros. A civilização maia é reconhecida pelo aprimoramento da língua escrita e pelos conhecimentos em ar te, arqu ite tu r a , m ate -

mática e sistemas astron ôm i c o s . O s m a i a s n ã o desapareceram por completo e, na Guatemala, o s d e s c e nd e nte s te nt am manter as tradições. O calendário maia pode ser sincronizado e interligado a uma série de combinações de ciclos e análises paralelas. Como é preciso interpretar, em geral, os leigos não conseguem lidar com o sistema. S egundo especialistas, o calendário maia tem aspectos semelhantes aos empregados em outras civilizações mesoamericanas. O Obs er vatór io Nacional Indígena disse que

o correram gastos excessivos para a promoção das atividades de sexta- fe i r a . In for ma ç õ e s nã o confirmadas indicam que o Ministério da Cultura e d o D e s p o r t o i nv e s t i u aproximadamente US$ 3,2 milhões, enquanto o instituto gastou cerca de US$ 5 milhões. Houve ainda um decreto presidencial que determinou o treinamento de agentes de turismo para atuar nas áreas sagradas da civilização maia. *Com informações da agência pública de notícias da Guatemala, AGN e da agência estatal de notícias de Cuba, Prensa Latina.

cyan magenta yellow black


cmyb

TRIBUNA DO VALE Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Região

B-1

www.tribunadovale.com.br

Desabamento de laje e queda de andaime deixam cinco feridos

Luiz Guilherme Brandani

FALTA DE SEGURANÇAVítimas foram socorridas pelos Bombeiros e Samu Jivago França

A queda de um andaime e o desabamento de uma laje deixaram cinco pessoas feridas na manhã e tarde de ontem. Em Siqueira Campos, o acidente aconteceu no cruzamento da avenida Quintino Bocaiuva com a rua Bahia, onde um adolescente de 17 anos ficou levemente ferido ao cair de um andaime. Ele foi atendido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para a Santa Casa de Misericórdia. No bairro platinense, Aparecidinho, quatro pessoas se feriram depois do desabamento da laje de uma casa. Nos dois acidentes, as vítimas não usavam equipamentos de segurança. Segundo o sargento Luiz Souza do Corpo de Bombeiros de Santo Antônio da Platina, as quatro vítimas estavam caídas junto ao meio fio quando as equipes de socorro chegaram ao local. “Eles não estavam debaixo da laje”, explicou.

De acordo com o sargento, dois deles foram atendidos em estado mais grave, pois estavam encima da laje no momento do desabamento. Uma das vítimas que ainda não teve a identidade revelada sofreu cortes nas pernas e glúteos, além de contusões no tórax e abdômen. “Outro estava em cima da laje e caiu sentado. Ele foi levado pelo Samu e chegou ao hospital com fortes dores nas costas e terá que fazer exame de raio x”, afirmou Souza. Segurança - O bombeiro denunciou que. Visivelmente, a escora da laje foi mal feita. “Foi tão mal feita que acabou caindo. Apenas estava apoiando as pontas das tábuas na parede e uma única fileira de escoras no meio, ou seja, começou a encher, pesou um dos lados e ela acabou vindo abaixo”, contou. Souza denunciou ainda, a falta de placa de fiscalização do Crea (Conselho Regional de Engenharia). “Pelo jeito, o mestre de obra, dono e os

pedreiros são inexperientes, ou se têm experiência foram, no mínimo, omissos com a segurança lá”, disse. Ele afirma ainda que no local, ninguém seguia as normas de segurança de trabalho em altura. Souza explicou que a norma NR35, específica que acima de dois metros de altura, todos precisam estar com o cinto trava quedas, todos eles presos. “Com os operários da construção civil, na sua grande maioria, é fácil encontrar desrespeito na cidade”, disse Souza. O sargento explica ainda, que segundo a NR35, cabe a quem contrata treinar o funcionário e oferecer todos os equipamentos de proteção individual, coletiva e exigir que esses façam uso adequado deste material. A fiscalização fica a cargo do Crea. “Alguém tem que fiscalizar, porque senão vai acontecer mais e mais acidentes. Há dois anos tivemos um óbito por causa de uma laje que sobre uma pessoa. As

Estrutura ficou destruída no chão da construção onde aconteceu o acidente em Santo Antônio

quedas de andaimes, quedas de lajes são muito comuns”, lembrou o sargento. “O fun-

cionário é que tem que se conscientizar, pois é ele o mais prejudicado. É ele que

vai se machucar caso aconteça um acidente”, concluiu o bombeiro.

AMBIENTAL

Homem criava pássaros dentro de quarto adaptado

Galhos de árvores e telas nas janelas e porta asseguravam criação de pássaros em quarto Da Assessoria

Policiais Militares Ambientais do pelotão de Jacarezinho receberam denúncia anônima na segunda-feira, de que um homem em Andirá apreendia pássaros irregularmente em sua residência. O que mais chamou a atenção, além da quantidade de aves, que é muitas delas eram mantidas soltas dentro de um quarto na residência do criador. Ao todo, foram encontrados 94 pássaros. Desse total, 42 estavam de forma totalmente irregular, sem anilhas ou registro do Ibama, sete possuíam anilhas mas não tinham documentação expedida, e outros 45 tinham a devida documentação e anilhamento, sendo eles 17 Trinca-Ferro, três Azulões, 18 Sabiás, 3 Tico-Tico Re, um

Sanhaço Ilha e dois Bicudos. Os quarenta e dois pássaros que tinham indicação de terem sido capturados de forma ilegal foram apreendidos e destinados à soltura após passarem por consulta junto a um biólogo e um veterinário. Sete pássaros estavam em processo de transferência de propriedade e os outros quarenta e cinco estavam devidamente legalizados de acordo com a listagem emitida pelo Ibama e autorização para criador amador que o proprietário da residência apresentou. Copias dos documentos referentes à apreensão serão encaminhados para o Instituto Ambiental do Paraná e ao Ministério Publico para verificação de outras possíveis irregularidades do ponto de vista administrativo e penal.

Segundo o tenente Coronel Chehade Elias Geha, comandante do Ibama, o Batalhão de Polícia Militar Ambiental vem realizando intenso esforço em todo o Estado no sentido de coibir atos irregulares. “Esta ação ocorreu dentro das programações da Operação Verão 2012 – 2013, no sentido de reprimir delitos ambientais, como o tráfico de animais silvestres, a pesca ilegal e predatória, a caça e outros ilícitos ambientais”, explicou alertando: “ Nossas ações se tornam mais eficazes, como comprovado nesta ocorrência, quando a sociedade participa informando os locais onde estão sendo praticados crimes ambientais não sendo necessária a identificação do denunciante. O telefone para denúncias é (43) 3341-7733”, disse.

cyan magenta yellow black


B-2 Atas&Editais VENDO CHÁCARA COM CASA MISTA - 120M2, COM ÁGUA, LUZ, TELEFONE - TODA MURADA. VÁRIAS ÁRVORES FRUTÍFERAS E PALMITO4000 MTS2- VALOR A COMBINAR- ACEITO CARRO. FONES 43- 3564-2769 OU 9658- 2630 (TIM)- FALAR COM IRACI - QUATIGUÁ - PR

VENDE-SE

Sobrado em Cambará/Pr. Excelente para ponto comercial/residencial. Esquina: rua Jose Bonifácio com a Rua Otávio R. Ferreira, 1416, medindo 12m de frente x 17,40 m de fundo com área total construída. O imóvel é composto: No térreo: 1 suite, 2 quartos, 1 WC social, 1 escritorio, 1 sala ampla, copa e cozinha conjugada, garagem para 2 veículos. Na parte superior: 02 comodos, 01 banheiro, lavanderia e um terraço amplo. Fone para mais informações: (43) 9977-6824.

VENDE-SE

Sítio Monte Alto, situado no Bairro Taquaralzinho/Cambará-Pr, ladeado pelos vizinhos Pavan e W.Papa, uma área de 6.93645 alqueires com varzea, ao leste, o Rio Ribeirão Taquaral. Fone para mais informações: (43) 9977-6824. PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ TERMO DE POSSE Ao décimo sétimo dia do mês de Dezembro do ano dois mil e doze, presente o Sr. Claudinei Justo, Diretor do Departamento de Recursos humanos, compareceu o Sr. JOSE AUGUSTO CRUZ, Brasileiro, residente e domiciliado em Cambará, Estado do Parana, nomeado pela Portaria nº 387/2012, para exercer o cargo de AGENTE DE MANUTENÇÃO MASCULINO, nos Empregos Públicos, que declarou sua vontade de tomar posse do referido cargo nesta data, tendo o Sr. José Salim Haggi Neto deferido a posse pedida, razão por que foi dada a posse a ele, que se comprometeu a exercer com probidade e a cumprir fielmente os deveres, atribuições e responsabilidades do cargo, do qual entra em exercício nesta data. Eu Claudinei Justo ______, lavrei o presente termo que vai assinado pela autoridade competente e pelo funcionário empossado. JOSÉ SALIM HAGGI NETO Prefeito Municipal JOSE AUGUSTO CRUZ Servidor PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA No 387/2012 O Excelentíssimo Senhor José Salim Haggi Neto, Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, usando de suas atribuições, que lhe são conferidas por lei, considerando a realização de Concurso Público Municipal em conformidade com o Edital 01/2012, considerando rigorosamente a ordem de classificação final, homologado pelo Decreto nº 1271/2012 de 17 de Maio de 2012. RESOLVE Art. 1º- Nomear, face habilitação em Concurso Público, a partir desta data, para exercer o cargo de AGENTE DE MANUTENÇÃO MASCULINO, o candidato, JOSE AUGUSTO CRUZ, portador do RG nº 9.311.366-7, com lotação no Departamento Municipal de Serviços Urbanos. Art. 2º- A presente portaria entra em vigor na data de sua publicação. Publique-se, Notifique-se, Cumpra-se. Gabinete do Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, em 17 de Dezembro de 2012. JOSÉ SALIM HAGGI NETO PREFEITO MUNICIPAL DE CAMBARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA No 386/2012 O Excelentíssimo Senhor José Salim Haggi Neto, Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, usando de suas atribuições, que lhe são conferidas por lei, considerando a realização de Concurso Público Municipal, em conformidade com o Edital 01/2012, considerando rigorosamente a ordem de classificação final, homologada pelo Decreto nº 1271/2012 de 17/05/2012. R E S O L V E: Art. 1º - DESCLASSIFICAR, o candidato, ANDERSON DE SOUZA RODRIGUES, portador do RG nº 10.335.259-2, classificado em 9º lugar, por não atender o disposto do Edital nº 001/2012, item 9.4.1, das nomeações do regulamento do concurso publico. Art. 2º- A presente Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Publique-se, Notifique-se, Cumpra-se. Gabinete do Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, em 17 de Dezembro de 2012. JOSÉ SALIM HAGGI NETO PREFEITO MUNICIPAL DE CAMBARÁ

CÂMARA MUNICIPAL DE ABATIÁ RESOLUÇÃO Nº. 008/2012 SÚMULA: REMANEJA VERBA ORÇAMENTÁRIA DO PODER LEGISLATIVO. FAÇO SABER que a Câmara Municipal de Abatia – Estado do Paraná APROVOU, e eu Presidente da Câmara, promulgo a seguinte Resolução. Art. 1º - Fica aberto no Orçamento Geral do Poder Legislativo crédito adicional suplementar, no valor de R$ 20.000,00 (Vinte Mil Reais), assim discriminados: 01 – Legislativo Municipal. 01001 – Legislativo Municipal. 01.031.01012-001 – Manutenção do Legislativo Municipal. 000010 – 3.1.90.11.00.11 – VENCIMENTO E VANTAGENS FIXAS...................R$ 13.000,00 0 0 0 0 4 0 – 3 . 3 . 9 0 . 3 0 . 0 0 . 0 0 – M AT E R I A L D E CONSUMO......................................R$ 7.000,00 TOTAL...................................................................R$ 20.000,00 Art. 2º - Para dar cobertura ao crédito aberto no artigo anterior é indicado como recurso, na forma do disposto no artigo 43, § 1º inciso III, da Lei Federal nº. 4320/64, a anulação parcial das seguintes dotações: 01 – Legislativo Municipal. 01001 – Legislativo Municipal. 01.031.01012-001 – Manutenção do Legislativo Municipal. 000030 – 3.390.14.00.00 DIÁRIAS - PESSOAL CIVIL.........................................R$ 11.000,00 000050 – 3.3.90.36.00.00 – OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS – PESSOA FÍSICA............................................................R$ 4.000,00 000070 – 4.4.90.51.00.00 – OBRAS E INSTALAÇÕES.......................... R$ 2.000,00 000080 – 4.4.90.52.00.00 – EQUIPAMENTOS MATERIAL PERMANENTE.........R$ 3.000,00 TOTAL......................................................................R$ 20.000,00 Art. 3º - Esta Resolução entrará em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Sala da Presidência, aos 18 de dezembro de 2012. Antonio Archanjo de Oliveira Presidente PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ EDITAL DE CONVOCAÇÃO DO CANDIDATO APROVADO NO CONCURSO PÚBLICO REALIZADO DE ACORDO COM O EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2012. O Prefeito Municipal de Abatiá – Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e considerando: - a necessidade de suprir a mão-de-obra e a continuidade do serviço público; - a eficiência e a conveniência administrativa; RESOLVE: convocar o candidato abaixo aprovado no Concurso Público regulamentado pelo Edital nº 001/2012 de 20/04/2012, homologado pelo Decreto nº 29 de 05/07/2012, para habilitação em exame de saúde e capacidade física e posterior posse e nomeação. O candidato deverá apresentar-se no Departamento de Recursos Humanos da Prefeitura Municipal de Abatiá, no período de 19/12/2012 a 26/12/2012. a- Cargo – Assistente Administrativo Classificação Nome 1º Ricardo José de Carvalho Abatiá - PR, 18 de Dezembro de 2012. IRTON OLIVEIRA MÜZEL Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL = P O R T A R I A 067/2012= O Senhor Dartagnan Calixto Fraiz, Prefeito Municipal de Ribeirão do Pinhal, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais e na forma da Lei. R E S O L V E: Art. 1º - O FMAS será gerido pela Secretaria Municipal de Assistência Social, administração pública municipal, através de seu secretariado municipal juntamente com o Chefe do Executivo, sob orientação e controle do Conselho Municipal de Assistência Social. Art 2º - A movimentação financeira do FMAS (Fundo Municipal de Assistência Social) será feita pelo Secretário de Assistência Social, Sr. Carlos Alexandre Braz e pelo Prefeito Municipal, Sr. Dr. Dartagnan Calixto Fraiz. Art. 3º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. REGISTRE-SE E PUBLIQUE-SE Edifício da Prefeitura Municipal de Ribeirão do Pinhal, Estado do Paraná, aos dezoito dias do mês de Dezembro do ano dois mil e doze. Gabinete do Prefeito. Dartagnan Calixto Fraiz Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-ESTADO DO PARANÁ LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 40/2012SRP AVISO PARA RETIRADA DE AMOSTRAS O pregoeiro, Gilvan de Oliveira, no uso de suas atribuições, comunica aos representantes das empresas abaixo nominadas, que após homologação do certame em epígrafe e adjudicação do objeto às empresas vencedoras, as amostras dos produtos apresentados para análise encontram-se disponíveis para serem retirados junto à Comissão Permanente de Licitação, no prazo máximo de 04 (quatro) dias úteis. Lettech Indústria e Comércio de Equipamentos de Informática Ltda.-ME R. D. Supermercado Ltda. Sander Rogério Pereira – Suprimentos de Informática – ME. Supermercado Brunhari Ltda-EPP Tereza Ernestina Dayeh – ME. Quatiguá-PR, Sala de Licitações, em 18 de dezembro de 2012. GILVAN DE OLIVEIRA Pregoeiro PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-ESTADO DO PARANÁ LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 40/2012SRP CONVOCAÇÃO O Pregoeiro, Gilvan de Oliveira, no uso de suas atribuições CONVOCA, o (s) representante (s) legal (is) da (s) empresa (s) abaixo relacionadas, a comparecer na sede da Prefeitura Municipal de Quatiguá, situada na Avenida Dr. João Pessoa, nº 1.300, Centro, para assinatura da Ata de Registro de Preços, no prazo máximo de 05 (cinco) dias úteis. EMPRESAS: Lettech Indústria e Comércio de Equipamentos de Informática Ltda.-ME R. D. Supermercado Ltda. Sander Rogério Pereira – Suprimentos de Informática – ME. Supermercado Brunhari Ltda-EPP Tereza Ernestina Dayeh – ME. Quatiguá-PR, em 18 de dezembro de 2012. GILVAN DE OLIVEIRA Pregoeiro

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012 PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-PARANÁ LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 40/2012SRP DECLARAÇÃO DE PROCESSO LICITATÓRIO FRACASSADO Item Fracassado Carlos Alberto Tramontin, Prefeito Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições conferidas por Lei, DECLARA para os devidos fins como FRACASSADO o item nº 25, referente ao processo licitatório em epígrafe, cujo objeto é registro de preços para futuras aquisições de gêneros alimentícios, produtos de higiene, limpeza, copa e cozinha. Quatiguá-PR, em 18 de dezembro de 2012. CARLOS ALBERTO TRAMONTIN Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-PARANÁ LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 40/2012SRP AVISO DE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO Expirado o prazo recursal torna-se pública a homologação do procedimento licitatório em epígrafe e adjudicação do objeto às seguintes empresas: Objeto: registro de preços para futuras aquisições de gêneros alimentícios, produtos de higiene, limpeza, copa e cozinha. Empresa: Supermercado Brunhari Ltda-EPP Itens: 1, 2, 3, 5, 6, 15, 17, 20 e 31. Valor Total: R$ 10.291,00 (Dez mil e duzentos e noventa e um reais). Empresa: Lettech Indústria e Comércio de Equipamentos de Informática Ltda.-ME Itens: 18, 23, 37 e 38. Valor Total: R$ 2.426,00 (Dois mil e quatrocentos e vinte e seis reais). Empresa: R. D. Supermercado Ltda. Itens: 7, 11, 12, 13, 19, 22, 26, 27, 29, 32, 33, 34, 39. Valor Total: R$ 11.803,60 (Onze mil, oitocentos e três reais e sessenta centavos). Empresa: Sander Rogério Pereira – Suprimentos de Informática – ME. Itens: 14, 21, 35, 36 e 40. Valor Total: R$ 2.825,20 (Dois mil, oitocentos e vinte e cinco reais e vinte centavos). Empresa: Tereza Ernestina Dayeh – ME. Itens: 4, 8, 9, 10, 16, 24, 28, 30 e 41. Valor Total: R$ 10.620,50 (Dez mil, seiscentos e vinte reais e cinqüenta centavos). Quatiguá-PR, Sala de Licitações, em 18 de dezembro de 2012. CARLOS ALBERTO TRAMONTIN Prefeito Municipal CÂMARA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA Nº 09/2012 O Senhor João Antônio Tinelli, Presidente da Câmara Municipal de Cambará, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, CONSIDERANDO As festividades de Natal e Ano Novo, e ainda o período de férias, onde normalmente o fluxo de pessoas que buscam atividades no setor público são restritas e a desnecessidade de manutenção da Câmara Municipal, em período de muito pouco movimento, aliado a inquestionável economia financeira de adequação e reestruturação das atividades para exercício do seguinte, RESOLVE I – Fica instituído recesso nesta Câmara Municipal a partir do dia 24 de dezembro até 02 de janeiro de 2013, retornando às atividades no dia 03 de janeiro de 2013. II – Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Publique-se. Registre-se. Cumpra-se. Gabinete do Presidente da Câmara Municipal de Cambará, Estado Do Paraná, aos 18 de dezembro de 2012. JOÃO ANTÔNIO TINELLI Presidente da Câmara Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA AVISO DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 33/2012 Objeto: Aquisição de Um Carro Zero KM para o Programa Família paranaense do Departamento de Trabalho e Bem Estar Social do Município de Tomazina –PR. A Prefeitura Municipal de Tomazina, através da comissão de Licitações, torna público para conhecimento dos interessados que realizará a licitação referente ao PREGÃO PRESENCIAL n.º 33/2012. Abertura da Licitação: 09:00 horas do dia 08/01/2013. Local da Abertura: Prefeitura Municipal de Tomazina – Rod. Avelino Antonio Vieira, 117 – Tomazina – PR. A cópia do Edital, bem como maiores esclarecimentos estarão à disposição dos interessados de segunda à sexta-feira, das 8h às 11h30min., até vinte e quatro horas antes do certame, ou através do e-mail: licitação_tomazina@hotmail.com Tomazina, 18 de dezembro de 2012. PREGOEIRO OFICIAL PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ - PARANÁ TERMO DE HOMOLOGAÇÃO LICITAÇÃO MODALIDADE Tomada de preços Nº 27/2012. OBJETO: IMPLANTAÇÃO DO SAA (SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA) DO BAIRRO BARREIRÃO, NESTE MUNICÍPIO. Em cumprimento ao disposto no art.109, parágrafo 1 da Lei 8.666, de 21 de junho de 1993, torna-se público o resultado da licitação em epígrafe, apresentando o vencedor pelo critério Menor Preço; declarando-se como vencedora a empresa SANTOS & FERRARI LTDA - CIMENTEC, por apresentar menor valor que o máximo exigido em edital, perfazendo um valor total de R$ 197.212,90 (Cento e Noventa e Sete Mil, Duzentos e Doze Reais e Noventa Centavos), para a execução global da obra. Paço Municipal José G. Pereira, Barra do Jacaré/PR, em 18 de dezembro de 2012. ___________________________ EDIMAR DE FREITAS ALBONETI Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ - PARANÁ EXTRATO DE - CONTRATO Nº. 140/2012 Partes: MUNICÍPIO DE BARRA DO JACARÉ E A EMPRESA SANTOS & FERRARI LTDA (CIMENTEC), CNPJ- 84.808.187/0001- 44. Objeto: Empreitada para execução da Obra de Implantação do SAA (Sistema de Abastecimento de Água) do Bairro Barreirão, neste município, com fornecimento de material. Valor: R$ 197.212,90 (cento noventa sete mil duzentos e doze reais e noventa centavos). Duração: 06(seis) meses Data da Assinatura: 18/12/2012. Foro: Comarca de Andirá – PR EDIMAR DE FREITAS ALBONETI Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ DECRETO Nº 1.324 DE 18 DE DEZEMBRO DE 2012 Decreta ponto facultativo no dia 19 de dezembro de 2012 e suspende o expediente das repartições públicas nos dias 24 e 31 de dezembro de 2012. O Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, DECRETA: Art. 1°. Fica estabelecido ponto facultativo no dia 19 de dezembro de 2012 (quarta-feira) em razão da Emancipação Política do Paraná. Art. 2°. O expediente em todas as repartições públicas municipais fica suspenso no dia 24 de dezembro de 2012 (segunda-feira) e 31 de dezembro de 2012 (segunda-feira). Art. 3°. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Prefeitura Municipal de Cambará, Estado do Paraná, em 18 de dezembro de 2012. __________________________________ José Salim Haggi Neto Prefeito Municipal


Atas&Editais B-3

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2012 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ABATIÁ ESTADO DO PARANÁ AVISO O MUNICÍPIO DE ABATIÁ – ESTADO DO PARANÁ, TORNA PÚBLICO QUE NÃO HOUVE NENHUMA EMPRESA INTERESSADA EM PARTICI-PAR DA LICITAÇÃO NA MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS Nº 010/2012, QUE TEM POR OBJETO A “CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ELABORAÇÃO DE LAUDO TÉCNICO DE CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO (LTCAT) E DE LAUDO DE PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO (PPP), DOS SERVIDORES PÚBLICO DESTE MUNICÍPIO, COM VALOR MÁXIMO DE R$ 2.300,00 (DOIS MIL E TREZENTOS REAIS)”, DECLARANDO-A DESERTA. EDIFÍCIO DA PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ABATIA, EM 17.12.2012. IRTON OLIVEIRA MÜZEL PREFEITO SERGIO HOSOUME PRESIDENTE DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ, - ESTADO DO PARANÁ DECRETO Nº. 1325/2012 A Prefeitura Municipal de Cambará, Estado do Paraná, através do seu Prefeito Municipal, Sr. José Salim Haggi Neto e tendo em vista o Concurso Público realizado através do Edital nº 001/2012, de abertura do Concurso Público e Decreto nº. 1267/2012, de 03/05/2012 e Decreto nº 1271/2012, de 17/05/2012 de Homologação, DECRETA: Fica acrescido o número de vagas para convocação de Candidatos aprovados que se encontram no cadastro de reserva dos seguintes cargos: Quantidade Cargos 01 Auxiliar de Vigilância Sanitária 01 Coveiro Cambará, Estado do Paraná, em 18 de dezembro de 2.012. José Salim Haggi Neto - Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA No 388/2012 O Excelentíssimo Senhor José Salim Haggi Neto, Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, usando de suas atribuições legais, que lhe são conferidas por lei, R E S O L V E: Art. 1º Exonerar, a pedido, a servidora ANDREA CRISTINA GRACIANO, admitida em 09/02/2009, portadora da CTPS nº 88460 Série 053, RG nº 7.036.535-9, ocupante do cargo de TECNICO EM ENFERMAGEM. Art. 2º- A presente Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Publique-se, Notifique-se, Cumpra-se. Gabinete do Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, em 17 de Dezembro de 2012. JOSÉ SALIM HAGGI NETO - PREFEITO MUNICIPAL DE CAMBARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA – PARANÁ PREGÃO PRESENCIAL N° 041/2012 EXTRATO DE CONTRATO DATA DE ASSINATURA DO CONTRATO: 10 DE DEZEMBRO DE 2012 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE GUAPIRAMA CONTRATADA: ANDREA C. SCHUCKES BOM EPP VALOR: R$ 5.150,00 (cinco mil cento e cinquenta reais) OBJETO: AQUISIÇÃO DE BOLSAS E ESTOJOS QUE SERAO UTILIZADOS NA SECRETARIA MUNICIPAL SÃO ROQUE PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA – PARANÁ PREGÃO PRESENCIAL N° 045/2012 EXTRATO DE CONTRATO DATA DE ASSINATURA DO CONTRATO: 14 DE DEZEMBRO DE 2012 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE GUAPIRAMA CONTRATADA: CAMBARÁ INFORMÁTICA LTDA -ME VALOR: LOTE I pelo valor de R$ 3.700,00 (três mil e setecentos reais); LOTE II pelo valor de R$ 12.000,00 (doze mil reais); LOTE III pelo valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais); OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA AQUISIÇÃO DE APARELHOS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO E MANUTENÇÃO DE CONTROLE DE FLUXO E ROTEAMENTO PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TÁVORA - ESTADO DO PARANÁ TERMO DE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 051/2012 – PMJT PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 079/2012 – PMJT OBJETO: Contratação de empresa para a aquisição de equipamentos, materiais permanentes e um veículo para o Departamento de Saúde, com recursos oriundos do Fundo Nacional de Saúde / Ministério da Saúde / Governo Federal. Tendo em vista a Ata de Julgamento do Pregão em epígrafe, elaborada pela Pregoeira deste Município; o Senhor CLAUDIO REVELINO, Prefeito Municipal de Joaquim Távora, no uso de suas atribuições legais RESOLVE: HOMOLOGAR A LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 051/2012 – TIPO MENOR PREÇO POR ITEM e ADJUDICAR o objeto da licitação para as empresas: MUNIZ & FERNANDES, inscrita no CNPJ nº 03.919.932/0001-20, declarada vencedora dos itens 03,07 e 11, somando um valor total R$ 13.425,00 (treze mil quatrocentos e vinte e cinco reais); DUOMED PROD. MEDICOS E HOSP. LTDA, inscrita no CNPJ nº 82.387.226/0001-51, declarada vencedora dos itens 05 e 09, somando um valor total de R$ 1.715,00 (um mil setecentos e quinze reais); ACOSTA QUADRI & CIA LTDA, inscrita no CNPJ nº 05.568.807/0001-49, declarada vencedora do item 02, somando um valor total de R$ 9.150,00 (nove mil cento e cinquenta reais); SAMP AUTOVEICULOS LTDA, inscrita no CNPJ nº 78.066.800/0001-00, declarada vencedora do item 13, somando um valor total de R$ 33.900,00 (trinta e três mil e novecentos reais); LETTECH IND. COM. EQUIP. INFORM. LTDA, inscrita no CNPJ nº 13.258.144/0001-94, declarada vencedora dos itens 01 e 03, somando um valor total de R$ 4.100,00 (quatro mil e cem reais); COM. MAT. MEDICOS HOSP. MACROSUL LTDA, inscrita no CNPJ nº 95.433.397/0001-11, declarada vencedora dos itens 04,08 e 10, somando um valor total de R$ 28.480,00 (vinte e oito mil quatrocentos e oitenta reais); AW XAVIER DIAS EPP, inscrita no CNPJ nº 73.884.785/0001-86, declarada vencedora do item 12, somando um valor total de R$ 3.000,00 (três mil reais). E para que produza seus efeitos jurídicos e legais, Convoca-se a empresa vencedora do certame para comparecimento ao Departamento de Licitação da Prefeitura de Joaquim Távora para assinatura do contrato num prazo máximo de 05 (cinco) dias. PUBLIQUE-SE Joaquim Távora, 18 de Dezembro de 2012. CLAUDIO REVELINO - PREFEITO MUNICIPAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ LEI Nº. 1.797/2012. Súmula: Altera o Perímetro Urbano da sede do município. A Câmara Municipal de Quatiguá aprovou e eu, Prefeito do Município, sanciono a seguinte lei: Art. 1º - Fica alterado o perímetro urbano da sede do município de Quatiguá, passando a vigorar o memorial descritivo das Coordenadas dos Vértices do Polígono do Perímetro Urbano e o Mapa do Perímetro Urbano da Sede do município de Quatiguá constante em anexo. Art. 2º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições contrárias contidas nas Leis Municipais nºs. 1.727/2011 e 1.752/2012 Quatiguá, em 11 de dezembro de 2012. Carlos Alberto Tramontin Prefeito Municipal Memorial Descritivo das Coordenadas dos Vértices DA AMPLIAÇÃO DO PERÍMETRO URBANO DA SEDE DO MUNICÍPIO DE QUATIGUÁ Nº ORDEM 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35

UTM S 7.394.261,45 7.394.215,10 7.394.394,83 7.394.361,77 7.394.387,64 7.394.436,88 7.394.327,12 7.394.654,82 7.394.876,27 7.394.219,55 7.393.926,35 7.393.858,70 7.393.203,32 7.392.975,27 7.392.859,84 7.392.507,10 7.392.298,35 7.392.055,98 7.391.449,00 7.391.562,07 7.391.772,37 7.391.875,34 7.391.953,86 7.392.058,21 7.392.041,99 7.392.093,74 7.392.084,58 7.392.044,52 7.392.379,33 7.392.127,81 7.392.098,57 7.392.046,29 7.392.247,89 7.392.483,95 7.392.604,88

E 609.932,16 610.479,85 610.494,46 610.776,96 610.793,14 610.949,85 610.966,83 611.654,41 611.688,32 611.334,86 612.079,99 612.021,19 611.451,50 611.604,58 611.541,18 611.768,72 612.036,05 611.782,34 611.492,33 611.511,71 611.538,13 611.546,94 611.561,06 611.573,60 611.492,09 611.502,27 611.465,03 611.440,66 610.851,86 610.760,57 610.768,71 610.666,66 610.538,98 610.670,44 610.500,02

LATITUDE

LONGITUDE

-23º 33’ 29.877” -23º 33’ 31.249” -23º 33’ 25.727” -23º 33’ 26.408” -23º 33’ 25.563” -23º 33’ 23.923” -23º 33’ 27.487” -23º 33’ 08.145” -23º 33’ 09.455” -23º 33’ 30.645” -23º 33’ 40.241” -23º 33’ 42.456” -23º 34’ 03.905” -23º 34’ 11.282” -23º 34’ 15.050” -23º 34’ 26.462” -23º 34’ 33.182” -23º 34’ 41.125” -23º 35’ 00.931” -23º 34’ 57.250” -23º 34’ 50.407” -23º 34’ 47.057” -23º 34’ 44.500” -23º 34’ 41.105” -23º 34’ 41.652” -23º 34’ 39.967” -23º 34’ 40.274” -23º 34’ 41.583” -23º 34’ 30.843” -23º 34’ 39.043” -23º 34’ 39.992” -23º 34’ 41.717” -23º 34’ 35.194” -23º 34’ 27.486” -23º 34’ 23.597”

-49º 55’ 66.223” -49º 55’ 29.660” -49º 55’ 24.981” -49º 54’ 52.528” -49º 54’ 51.964” -49º 54’ 46.451” -49º 54’ 45.823” -49º 54’ 21.731” -49º 54’ 20.525” -49º 53’ 57.545” -49º 54’ 06.455” -49º 54’ 64.885” -49º 54’ 65.084” -49º 54’ 65.030” -49º 54’ 65.052” -49º 54’ 64.970” -49º 54’ 64.876” -49º 54’ 64.964” -49º 54’ 26.515” -49º 54’ 25.862” -49º 54’ 24.986” -49º 54’ 24.703” -49º 54’ 24.226” -49º 54’ 65.038” -49º 54’ 65.067” -49º 54’ 65.063” -49º 54’ 65.076” -49º 54’ 65.085” -49º 54’ 65.294” -49º 54’ 65.325” -49º 54’ 65.322” -49º 54’ 65.358” -49º 55’ 66.004” -49º 54’ 65.358” -49º 55’ 66.018”

36 37

7.392.611,71 7.393.035,43

610.323,95 610.397,92

-23º 34’ 23.418” -23º 34’ 09.623”

-49º 55’ 66.080” -49º 55’ 05.543”

38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61

7.393.025,44 7.393.054,23 7.393.274,84 7.393.302,33 7.393.359,47 7.393.523,50 7.393.627,89 7.393.667,72 7.393.707,42 7.393.730,80 7.393.757,22 7.393.816,19 7.393.863,06 7.393.908,63 7.393.946,39 7.393.988,90 7.394.025,92 7.394.061,24 7.394.091,74 7.394.117,73 7.394.138,78 7.394.199,83 7.394.241,97 7.394.274,74

610.383,11 610.127,72 610.268,15 610.292,41 610.212,98 610.176,57 610.106,50 610.038,29 609.760,73 609.718,43 609.703,94 609.666,32 609.633,80 609.617,99 609.607,20 609.609,91 609.614,66 609.623,49 609.629,39 609.637,19 609.650,66 609.703,83 609.739,11 609.775,10

-23º 34’ 09.952” -23º 34’ 09.078” -23º 34’ 01.871” -23º 34’ 00.972” -23º 33’ 59.134” -23º 33’ 53.810” -23º 33’ 50.433” -23º 33’ 49.154” -23º 33’ 47.932” -23º 33’ 47.181” -23º 33’ 46.326” -23º 33’ 44.418” -23º 33’ 42.902” -23º 33’ 41.424” -23º 33’ 40.190” -23º 33’ 38.816” -23º 33’ 37.612” -23º 33’ 36.461” -23º 33’ 35.468” -23º 33’ 34.621” -23º 33’ 33.933” -23º 33’ 31.936” -23º 33’ 30.557” -23º 33’ 29.485”

-49º 55’ 06.063” -49º 55’ 15.079” -49º 55’ 10.184” -49º 55’ 66.093” -49º 55’ 66.122” -49º 55’ 66.135” -49º 55’ 66.160” -49º 55’ 66.184” -49º 55’ 66.282” -49º 55’ 29.694” -49º 55’ 30.212” -49º 55’ 31.555” -49º 55’ 32.714” -49º 55’ 33.284” -49º 55’ 33.674” -49º 55’ 33.590” -49º 55’ 33.432” -49º 55’ 33.130” -49º 55’ 32.930” -49º 55’ 32.662” -49º 55’ 32.192” -49º 55’ 30.334” -49º 55’ 29.100” -49º 55’ 27.839”

PERFAZENDO UMA ÁREA DE 4.038.959,42 m2, E UM PERIMETRO DE 12.133,65m.


cmyb

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira,19 de dezembro de 2012

Social

E-mail: social@tribunadovale.com.br

Foto Celso

Reinauguração No começo deste mês a Escola Arco-Íris ‒ Educação Infantil e Ensino Fundamental, em Santo Antônio da Platina, inaugurou sua nova sede. A diretora Gisele Dal Bianco agradeceu a presença de todos que prestigiaram a cerimônia. O representante do Sistema de Ensino Dom Bosco Jardiel Loretto Filho (foto), discursou aos presentes. Um delicioso coffe break fechou com chave de ouro o evento

Nos sapatos O próximo verão vai contar com uma diversidade enorme de materiais. Além do couro e dos elementos metálicos, como fivelas e tachas, há saltos de madeira, corda e cortiça, bem como o uso do plástico, numa versão fininha, mais amigável, que não machuca os pés. Os estilistas misturaram vários materiais e texturas em um só par.

L. C. Bragança de Pina Pina

Reflexão Eu acho muito importante parar quando não se tem nada a dizer. (Julian Barnes)

Para as mamães Você está grávida ou acredita que vai ganhar peso por algum motivo, nesse período o aparecimento de estrias é bem provável, então comece o quanto antes com o uso de hidratantes, com eles você poderá evitar ou minimizar o aparecimento das estrias. Manteiga de karité e manteiga de cacau são ingredientes que são ótimos para manter sua pele hidratada, e uma vez a pele hidratada, quando se esticar com o aumento de peso, ela não sofrerá tanto como se estivesse seca, por esse e outros motivos a hidratação é importante no combate e prevenção à celulite.

Mandioca frita com cheddar e alho frito

Desfile A Arco Íris Fashion, uma das lojas mais badaladas no segmento de moda em Andirá, realizou na manhã do sábado 8, o seu quinto desfile para divulgação do lançamento da Coleção Fashion Final de Ano . O desfile contou com 25 modelos e foi especialmente aberto por Bianca, de 6 anos, filha da proprietária da Arco Íris Fashion, Rose Maria Frois Lopes Cabecione, uma empresária de sucesso na cidade e um dos destaques da Revista Andirá Empreendedora, lançada em setembro deste ano

Ingredientes: Óleo para fritar, 4 dentes de alho fatiados, 4 xícaras (chá) de mandioca cozida, Sal a gosto e 1/2 xícara (chá) de requeijão cremoso sabor cheddar. Modo de preparo: Em uma panela, aqueça óleo em temperatura média e frite o alho, mexendo até dourar. Escorra em papel absorvente e reserve. Frite em seguida a mandioca, aos poucos, até dourar. Escorra sobre papel absorvente, polvilhe o sal e transfira para uma travessa. Despeje o requeijão em fio sobre a mandioca, polvilhe com o alho e sirva em seguida. (Guia da Cozinha)

H ORÓSCOPO PARA HOJE Áries Espere estar mais sensível e conectado com suas necessidades: transito lunar mensal em seu signo levanta carências e sinaliza um dia ótimo para cuidar de si. seria pena comprometer um sonho por impaciência. Amor em alta.

Gêmeos Foi bom expandir seu raio de ação, associando-se a pessoas de outra mentalidade e valores. Hoje o astral favorece as amizades e a generosidade que se espera da convivência amigável. Chance de abrir a mente com ensinamentos.

Leão Ótimo dia para você, que conta com chuva de bênçãos planetárias.. Alem de prestigio, ardor e persuasão, você conta com tirocínio e intuição no amor e nas relações de trabalho. Sorte em provas e concursos, bom para viagens..

Libra Astros num signo amigo, o Sagitário das longas jornadas, das explorações e da espiritualidade entusiasmam você. Tanto acento em temas de expansão e esperança lhe fazem bem , que se torna mais decidido, audaz e crente na vida.

Sagitário Autoconfiança e coragem para mudar seu presente. Flexibilidade pra dar e vender. A única coisa que você não pode fazer são promessas. Você está protegido pela sorte, bafejado pelo destino bom. Mas não exagere.

Aquário Clima de exuberância, impulsividade e impaciência cercam final do ano. Atenção para projetos e participação social. Se não começou a ajudar uma entidade que faz o bem a alguma parcela da coletividade, resolva isso já.

Touro O que falta, as vezes, é coragem e decisão para tomar rumo inesperado, agir conforme sua intuição. Hoje as vibrações da Lua anunciam que poderá ser mais corajoso se quiser. Atividades espirituais melhoram seu humor.

Câncer Sendo um tipo emocional, dado a ondulações de humor, você reage de forma quase imprevisível aos olhos de muitos. Hoje essa tendência está acentuada, e se revelará mais no setor profissional. Mostre independência.

Virgem Clima astral poderoso para empreendimentos ousados. Você conta com muitos astros em signos de elemento fogo estimulando sonhos de amplidão e crescimento em assuntos ligados a casa e a família. Faça sua proposta.

Escorpião Avalie melhor suas fontes de renda e seus investimentos e coloque ordem no orçamento nos próximos dias. Com tantas opções, você precisaria se concentrar em algumas delas. Astros em signos de fogo bombeiam inspiração.

Capricórnio Nesse tempo, as qualidades do seu signo se ampliaram e em muitas ocasiões você entendeu que sabia mais e conseguiu ficar na sua, sem dar lições.. Termine pendências e prepare-se: muitos convites chegam por agora.

Peixes Lua em seu signo, cuide-se mais e melhor. Você se beneficia deste momento, em termos profissionais. Tome hoje as decisões que faltam para alargar suas perspectivas e chegar mais perto de seus sonhos.

cyan magenta yellow black


TRIBUNA DO VALE - EDIÇÃO Nº 2293  

20 DE DEZEMBRO DE 2012

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you