Page 1

TERÇA-FEIRA

15 DE MAIO DE 2018

ANO XXII - N0 3596 R$ 1,00

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

www.tribunadovale.com.br

IRREGULARIDADES

TCE rejeita contas de 2014 de ex-prefeito de Pinhalão

O ex-prefeito de Pinhalão, Claudinei Benetti (DEM) vê sua situação jurídica e política se complicar a cada dia. Ele que foi prefeito por dois mandatos, entre os anos de 2009 e 2012 e 2013 e 2016, coleciona mais uma condenação, desta vez, referente ao balanço administrativo de 2014, rejeitado pela 2ª Câmara do Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR), tendo como relator o conselheiro Nestor Baptista.Apesar de amplo direito de defesa, o TCE-PR manteve as condenações tendo em vista que os argumentos apresentados pelo ex-prefeito não convenceram os membros da Coordenadoria de Fiscalização Municipal (COFIM) e do Ministério Público de Contas (MPC) que mantiveram seus pareceres iniciais. Os dois órgãos apresentaram instrução pela irregularidade das contas, com aplicação de multas ao gestor. „

PÁG. A3

SIMEPAR

Duas frentes frias nesta semana devem trazer chuva à região

A última chuva, um pouco mais volumosa (cerca de 15 milímetros), que ocorreu na região foi registrada nos dias 1º e 2 de abril. De lá para cá, ou seja, 45 dias, a seca foi pre-

dominante em praticamente todo o Norte Pioneiro. A volta das chuvas regulares está prevista para esta semana, com duas frentes frias que estão se formando na região Sul do „

País, embora, segundo o meteorologista do Instituto Simepar, Samuel Braun, elas estão chegando de forma desorganizada, o que pode não beneficiar todos os municípios.

PÁG. A8

TEATRO

'Vidas Secas' em Santo Antônio

„

PÁG. A8

Interessados devem deixar o currículo em nossa portaria: Rua Artur Celestino da Silva,600 Parque Pavão III. Ou entrar em contato: (43) 3534-8808 Email: fabiene.boas@br.yazaki.com

Plano empresarial a partir de

R$89,15*

por pessoa + coparticipação 50% *Consulte condições

(43) 3511-2035 | Jacarezinho (43) 3545-4522 | Bandeirantes (43) 3534-5114 | Sto. Antônio da Platina

Norte Pioneiro-PR

Rua dos Expedicionários, 337 - 86400-000 Jacarezinho - PR T.: 43 3511-2000 FAX 43 3511-2023 SAC 0800 41 4554 Deficientes auditivos 0800 642 2009

ANS - nº 366064


A-2 Atas & Editais

TRIBUNA DO VALE

O país está se colombizando. A ladainha na televisão é a mesma: os traficantes de drogas matam, fazem e acontecem no Rio e em São Paulo.” Renzo Sansoni

A RTIGO

Terça-feira, 15 de maio de 2018

Crianças pobres que muitas vezes vão à escola simplesmente porque ali têm o que comer, vêm parte de seus alimentos roubados e desviados para engordar políticos, empresários e agentes públicos.” Editorial

E DITORIAL

A corrupção nos municípios

Renzo Sansoni

As drogas e as famílias Cadê o Ministro da Defesa? Nossas autoridades, do Presidente da República aos ministros militares, senadores, de governadores até vereadores, não estão assistindo televisão? A guerra civil dentro de nossas fronteiras está se alastrando. O país está se colombizando. A ladainha na televisão é a mesma: os traficantes de drogas matam, fazem e acontecem no Rio e em São Paulo. E mostra, para todo o Brasil, as mais exasperantes e contundentes imagens de gente chorando, sofrendo, morrendo e desaparecendo. Gente como nós mesmos; brasileiros legítimos e merecedores de atenção e amparo de toda a sociedade brasileira. A televisão mostra o império e cara dos bandidos, impedindo a polícia de subir os degraus das favelas; mostra, também, a exigência desta gente para com os moradores e transeuntes. Lá quem manda é o bandido e quem está fora da lei é quem trabalha e ganha o pão com a decência do suor no rosto. E ninguém mexe o dedo e nem põe a mão na consciência. E esta desgraça, que não é pouca e nem é bobagem, avulta e machuca e devasta. O polvo demoníaco tem tentáculos alcançando todo o país; fazendo jovens se perderem e se tornarem, da noite para o dia, monstros e assassinos que fazem correr lágrimas, vergonha, sangue e morte nas famílias. O que ontem eram casos esporádicos e escondidinhos, hoje são milhares e milhares (e por que não dizer milhões?) de pessoas no mais brutal sofrimento, desespero e decadência. O reinado brutal das drogas está de vento em popa, acelerando e abusando de tudo e de todos. E não se vê nenhuma reação positiva, coordenada e decidida à extinguir esta barbárie das terras brasileiras. A pontinha de curiosidade no assunto é que os políticos sempre mudam de voz e de pose quando cutucados neste mister. E daí, senhor Ministro da Defesa? Não é possível ( e nem admissível ) que o senhor e demais ministros militares não vejam estas cenas. E, vendo, não sintam arrepios, birra e muita raiva no coração, contra tantas desgraças nos lares de nossos patrícios. A hora é de estufar as veias do pescoço, e intimar os demais ministros militares e o Presidente da República; e, com Constituição ou sem Constituição, ou apesar da Constituição, convocar todo o povo e soldados para a guerra total contra todas as pessoas que estão negociando drogas para viciar a juventude brasileira. Tudo isto por uma simples razão: o nefando inimigo, externo e interno, da pátria é o império da droga/violência. E inimigo mais perigoso, e aparelhado, jamais foi visto por aqui. Os nazistas de hoje são eles. E este império não cede um milímetro sequer em sua louca e determinada missão de arrancar o dinheiro e a alma dos inocentes e desavisados. E é capaz de arrebentar e incendiar o Brasil. Loucos somos nós que deixamos este inimigo mortal florescer e criar raízes nos nossos lares. É só lembrarmos do que significou para a Humanidade, em quantidade de sofrimento, insegurança e mortandade, a ascensão do nazismo. E de como foi extremamente alto o preço que as nações civilizadas pagaram para se verem livres desta praga apocalíptica. Como não sou Ministro da Defesa sinto-me no dever de botar a boca no trombone e publicar estas linhas para todo o país, objetivando que cheguem aos gabinetes adequados e competentes, para atiçar os brios daqueles que podem mudar, para melhor, o destino e tranquilidade das famílias brasileiras. Não é lá uma extraordinária contribuição, mas vale bem a intenção e a comoção.. O povo sempre acompanhará a boa liderança nas causas sérias e inadiáveis. Ah, Ministro, ou nós ou eles..., desde que seja nós !

As operações de combate à corrupção demoraram mas estão se voltando para o município. Depois do rumoroso caso da máfia da merenda escolar, que envolve 30 municípios paulistas, temos agora a fase federal, onde os recursos destinados à alimentação de estudantes foram desviados também no Paraná, Bahia e Distrito Federal. Essa e outras irregularidades que levam os recursos públicos para bolsos indevidos constituem verdadeiros crimes contra a humanidade. Crianças pobres que muitas vezes vão à escola simplesmente porque ali têm o que comer, vêm parte de seus alimentos roubados e desviados para engordar políticos, empresários e agentes públicos. É importante que todas as irregularidades, especialmente aquelas que desviam recursos públicos, sejam identificadas e seus praticantes exemplarmente punidos. Todo programa, quando é criado, passa por grande análise e vem carregado de justificativas, principalmente quando envolvem o emprego de elevadas somas. A merenda escolar é um deles. Muito se fez para garantir que cada criança encontre a merenda na escola e, com isso, tenha melhores condições para o aprendizado. As verbas saem dos cofres da União e do estado e são carreadas para o município, que tem a tarefa de preparar a entregar as refeições para os alunos. Mas, infelizmente, são muitas as denúncias de falta de zelo que leva milhares de quilos de produtos a se deteriorarem e serem lançados ao lixo, de desvio para outras finalidades e, mais recentemente, dos esquemas que promovem compras fictícias e drenam o dinheiro para outras finalidades. A fiscalização é necessária. Todas as estruturas que destinam recursos para terceiros executarem tarefas como merenda escolar, transporte de alunos, serviços sociais e outros, têm o dever de fiscalizar a aplicação correta. Sem isso, os espertalhões fazem a festa e, mais uma vez, quem fica no prejuízo é a população, especialmente os carentes, que não têm meios e nem a quem reclamar. É comum vermos no noticiário que a merenda não está sendo regularmente servida em alguma parte ou – o pior – que grandes quantidades de produtos se perderam porque não usadas dentro do prazo ou não foram

convenientemente armazenadas. Isso costuma gerar um escândalo doméstico e até a abertura de inquéritos, mas dificilmente alguém é punido. O mesmo ocorre aos prefeitos que não aplicam os recursos no volume estabelecido em lei. O máximo que enfrentam é ter suas contas rejeitadas na Câmara de Vereadores ou glozadas pelo Tribunal de Contas, o que resulta em dificuldades futuras. Poucos foram os que pararam na cadeia por causa de irregularidades dessa ordem. Apenas o povo ficou no prejuízo. Recentemente o ministro da Justiça, Torquato Jardim, disse que apesar de toda a repercussão que causam, as apurações da Operação Lava Jato constituem apenas uma pequena parte da corrupção no Brasil. E que a coisa grande, mesmo, está nos municípios. A partir de então, resta-nos esperar que as mazelas sejam descobertas e passem a ser exemplarmente punidas. Até porque, conforme dizia o governador Franco Montoro, o município é o único ente verdadeiro pois ninguém mora na União e nem no Estado. Todos moramos no município. É preciso que os prefeitos tenham consciência da enorme responsabilidade que é administrar uma cidade. Os vereadores têm de também lembrar de sua função fiscalizadora que, infelizmente, tem sido relegada desde que o país passou a viver o regime político de coalizão, onde o Executivo (o federal, o estadual e o municipal) loteia o poder, distribuindo cargos por indicação dos legisladores para contar com seus votos e, também, evitar que criem embaraços. Por conta disso, proliferam os erros e irregularidades e ninguém toma providências. A crise por o Brasil passou nos últimos anos demonstrou a falência das estruturas políticas. Estamos vivendo um período pré-eleitoral complicado, onde faltam nomes de peso político para concorrer às eleições. Espera-se que dessa crise, pelo menos, saiam soluções que levem o país a melhores dias. A cruzada que o Ministério Público e a Justiça Federal tem empreendido contra a corrupção acabou expondo as entranhas da crise. Muito figurão caiu ferido de morte política. Outros ainda sofrerão o mesmo e a

C HARGE

sociedade se livrará de seus métodos nefastos. Prevalecendo a tese do Ministro da Justiça, espera-se que logo tenhamos mais apurações em níveis estadual e municipal e, finalmente, a operação-limpeza se estenda para os três níveis da política e da administração pública. Quem delinquiu tem de acertar suas contas com a Justiça para, além de recompor o erário, servir de exemplo para que outros não façam o mesmo. A sensação que tudo isso deixa é a de que chegamos ao fundo do poço. Tomara que isso seja verdade e doravante já estejamos marchando para a recuperação. Os atuais prefeitos, empossados há um ano e meio, ainda têm tempo para fazer a coisa certa e evitar cair nas malhas da Justiça. Ainda lhes restam dois anos e meio de mandato, tempo suficiente para manter a casa em ordem e recuperar problemas que tenham encontrado. Todos têm de pensar num Brasil diferente daquele que vigorou nas últimas décadas e buscar mais sustentabilidade, lembrando que estamos entrando numa fase em que será necessário reconstruir conceitos administrativos e esquecer os velhos hábitos, especialmente aqueles de buscar no cofre público os recursos para custear campanhas eleitorais. A proposta que o novo secretário da Educação de São Paulo está fazendo – de em vez da merenda e transporte, oferecer às famílias dos alunos o dinheiro para que elas próprias providenciem esses serviços – é algo interessante. De pronto, ela evitará a corrupção e, por outro lado, dará liberdade e responsabilidade aos alunos e à própria família. Assim como a União e os estados, o município também precisa evitar o estatismo, que funciona como cabide de empregos e favorece irregularidades. Em vez de prestar serviços como se fosse uma empresa, a Prefeitura (assim como o Estado e a União) deve adquiri-los de prestadores privados através de licitações que observem a condições do proponente e o menor preço. A missão maior do poder público é normatizar, licenciar e contratar os serviços de que necessita. A iniciativa privada, pela sua natureza, os produz a preços inferiores aos apurados no serviço público

chargeonline.com.br

*Renzo Sansoni é oftalmologista em Uberlândia (MG)

TRIBUNA DO VALE

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 TV Editora e Gráfica - Eireli - ME CNPJ 28.454.259/0001-21 Matriz: Rua Infante Vieira, 36, Centro - Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43 3534 . 4114

Diretor Responsável

Vendas Assinatura Anual R$ 200,00 Semestral R$ 100,00

Impressão e Fotolito: Editora Tribuna do Vale Fone/Fax : 43 3534 . 4114

Comercial

Benedito Francisquini - MTB 262/PR

Priscila Simões - (43) 9 9619-9645

tribunadovale@tribunadovale.com.br

tribunadovale1@gmail.com

tribunadovale@uol.com.br

E-mail: cartaleitor@tribunadovale.com.br

Circulação: Abatiá ¦ Andirá ¦ Arapoti ¦ Bandeirantes ¦ Barra do Jacaré ¦Cambará ¦ Carlópolis ¦ Conselheiro Mairink ¦ Figueira¦Guapirama ¦ Ibaiti ¦ Itambaracá ¦ Jaboti ¦ Jacarezinho Jaguariaíva ¦ Japira ¦ Joaquim Távora ¦ Jundiaí do Sul ¦ Pinhalão ¦ Quatiguá ¦ Ribeirão Claro ¦ Ribeirão do Pinhal ¦ Salto do Itararé ¦Santana do Itararé¦ Santo Antônio da Platina ¦ São José da Boa Vista ¦ Sengés ¦ Siqueira Campos ¦Tomazina ¦ Wenceslau Bráz

Filiado a Associação dos Jornais Diário do Interior do Paraná

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.


Geral A-3

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 15 de maio de 2018

TCE rejeita contas de 2014 de ex-prefeito de Pinhalão

Antônio de Picolli

IRREGULARIDADES - Tribunal aponta irregularidades pela não publicação de balanço patrimonial, aplicação de recursos do Fundeb, entre outros Da Redação

O ex-prefeito de Pinhalão, Claudinei Benetti (DEM) vê sua situação jurídica e política se complicar a cada dia. Ele que foi prefeito por dois mandatos, entre os anos de 2009 e 2012 e 2013 e 2016, coleciona mais uma condenação, desta vez, referente ao balanço administrativo de 2014, rejeitado pela 2ª Câmara do Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR), tendo como relator o conselheiro Nestor Baptista. Apesar de amplo direito de defesa, o TCE-PR manteve as condenações tendo em vista que os argumentos apresentados pelo ex-prefeito não convenceram os membros da Coordenadoria de Fiscalização Municipal (COFIM) e do Ministério Público de Contas

(MPC) que mantiveram seus pareceres iniciais. Os dois órgãos apresentaram instrução pela irregularidade das contas, com aplicação de multas ao gestor. O parecer do TCE-PR é manifestado no conteúdo e estruturação definidos na Instrução Normativa nº 104/2015. A COFIM, mediante a instrução nº 1997/17 (peça 68), opinou pela irregularidade das referidas contas, uma vez que após o contraditório, permaneceram as restrições quanto a utilização dos recursos do Fundeb - O Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, que ficou abaixo de 95% da arrecadação do exercício Saldo deixado para aplicar

no primeiro trimestre do exercício seguinte excede a 5%. - Fonte de Critério – LF 11494/07, artigo 21, § 2º; Além dessa restrição, o TCE-PR aponta ausência do encaminhamento do ato de nomeação dos membros do Conselho Municipal de Saúde que subscrevem o Parecer do Conselho; ausência da publicação do Balanço Patrimonial; não atingimento do índice mínimo de 60% dos Recursos do Fundeb na remuneração do Magistério - Fonte de Critério - Lei Federal nº 11.494/07, art. 22. O responsável informa que o exercício de 2014 encerrou com 57,52%, faltando o valor de R$ 60.481,61 para atingir o mínimo de 60%, bem como relata que o empenho nº 267/15 contempla

PLEITOS

Prefeitos e vereadores se reúnem com governadora

o valor de R$ 116.700,16, que corresponde à parcela do abono de saldo financeiro de 2014. Ocorre que o valor informado como pagamento de abono no total de R$ 116.700,16 não consiste superávit existente da fonte 101 - FUNDEB 60%, bem como não foi localizado no processo a lei que autorizou o pagamento do abono, demonstrativo dos profissionais que receberam, contendo a lotação, cargo, e ainda, o parecer do Conselho Municipal de Acompanhamento. Agravamento A situação de Claudinei Benetti a cada momento se agrava em razão de processos na esfera regional, estadual e nacional. Um dos casos mais graves envolve a construção de uma indústria frigorífica

Da Assessoria

O deputado estadual Luiz Carlos Martins (Progressista) promoveu na manhã desta segunda-feira (14), um encontro entre prefeitos e vereadores de diversos municípios da região metropolitana de Curitiba (RMC), Litoral do Paraná, e Norte Pioneiro com a governadora Cida Borghetti (Progressista). O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Pedro Lupion (DEM), participou da reunião. O encontro aconteceu no Palácio Iguaçu e serviu para que cada gestor apresentasse as principais reivindicações de suas cidades para que o Governo analise o que é possível viabilizar.“É com grande satisfação que recebo todos estes prefeitos, vereadores e secretários paranaenses com a liderança do meu grande amigo, o deputado Luiz Carlos Martins. Um grande comunicador que, com seu bordão ‘Oi Oi gente querida’ consegue agregar e promover uma grande parceria com os municípios. Abrimos esta semana 33 convênios com diversas cidades e agora estamos recebendo as solicitações e ouvindo comentários destes parceiros do Luiz para bem atender o Paraná. O que for possível vamos atender”, disse a governadora. Martins abriu o encontro falando que há muitas ‘Cidas’ no Paraná, inclusive uma que é governadora e que trabalha de forma especial para o povo. “

Temos Cidas costureiras, Cidas, domésticas, Cidas médicas e tantas outras Cidas, inclusive uma que é governadora. Todos estão aqui para representar a voz do povo e para agir tão rápido quanto ela. Digo que Cida Borghetti está a 100 km/h e temos que acompanhar. Uma mulher que sabe acolher, mas também sabe ser firme. Tenho certeza que vamos alcançar inúmeros benefícios para o povo em cada uma das cidades paranaenses”, afirmou Martins. Reivindicações Umas das reivindicações entregues à governadora foi em relação à construção do Centro Regional de Especialidades Médicas de Jacarezinho. O local é fundamental para a saúde da população, enfrentou problemas com licitações e agora tem o compromisso de Cida de que vai se tornar realidade. “Há quatro anos este projeto do Centro de Especialidades Médicas vem tramitando. É um local que vai atender a uma demanda de cerca de 11 mil procedimentos/mês, beneficiando diretamente uma população de mais de 300 mil pessoas da cidade de Jacarezinho e entorno. Temos certeza que com esta parceria o Centro se tornará realidade”, disse o prefeito, Dr. Sérgio (DEM). Uma lista com as prioridades de cada município representando pelo deputado Luiz Carlos Martins está sendo preparada para ser entregue ao Governo

Cida, que vem dando continuidade ao trabalho do Governo atendendo diversas demandas consideradas prioritárias. O prefeito de Carlópolis, Norte Pioneiro, Hiroshi Kubo (PSDB), também esteve presente no encontro e reforçou as conquistas. “Somos uma cidade de 15 mil habitantes e temos dificuldades em gerar receitas. Precisamos e temos conseguido o apoio do Governo pela parceria com o deputado Luiz Carlos Martins. Estamos aqui para agradecer e reforçar novos pedidos”. Presentes Estavam presentes no encontro com a governadora Cida Borghetti:- Mandirituba, prefeito Luis Antonio Biscaia (PSC), com o vereador Tadeu Machado (PV); o residente da Câmara Guilherme Antonio Chupel de Castro (PEN); Piraquara, prefeito Marquinhos (PSD); Carlópolis – Prefeito Hiroshi (PSDB); Jacarezinho – Prefeito Dr. Sérgio (DEM); Fazenda Rio Grande – prefeito Marcio Wozniack (PSDB); Campo Magro – Prefeito Casagrande (PSD); Balsa Nova – Vice-prefeito Marcos Durau (PSB); - Campo Largo – Prefeito Marcelo Puppi (DEM); Tijucas do Sul – Prefeito Cesar Matucheski (PSDB); Guaraqueçaba Vereador Célio Amálio (PRTB); Campo do Tenente - Vereador Gustavo Brun Vizentin (PSB); Itaperuçu - Vereador Zé Augusto (SD); Cambará - Vereador Gil dos Anjos (PSC);

para processamento de pescados e fábricas de rações e farinha, com investimentos superiores a R$ 12 milhões. A obra está parada há mais de dois anos e, segundo o que informa a Secretaria Nacio-

nal da Pesca e Aquicultura, é pouco provável que a obra seja retomada. Trata-se de um imbróglio, que se juntado a outros processos contra o ex-prefeito, torna sua situação insustentável.

CAUTELAR

TCE suspende uso irregular de receitas de capital pelo DER Da Assessoria

Cida recebe prefeitos de várias regiões

Situação do ex-prefeito Claudinei Benetti se complica a cada dia

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) emitiu medida cautelar determinando que o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná (DER-PR) cesse a aplicação de receitas de capital para custeio de despesas correntes, situação que provoca uma contínua descapitalização no patrimônio do Estado do Paraná. A cautelar foi concedida pelo conselheiro Artagão de Mattos Leão em 19 de abril; e homologada na sessão do Tribunal Pleno realizada na última quinta-feira (10 de maio). O pedido de medida cautelar consta na Comunicação de Irregularidade encaminhada pela Quarta Inspetoria de Controle Externo (4ª ICE) em face do DER, por meio da qual a unidade de fiscalização noticiou a existência de irregularidades ocorridas no exercício de 2017. De acordo com a 4ª ICE, houve a realização de despesas com atualização monetária e juros, devido a pagamentos extemporâneos de faturas contratuais quitadas, com a utilização da fonte de receitas nº 125; e o uso indevido de receitas de capital para custeio de despesas correntes. A unidade de fiscalização alertou que a continuidade da aplicação das receitas de capital em despesas correntes – gastos com a conservação do pavimento e a manutenção da faixa de domínio de rodovias –, as quais não contribuem diretamente para a formação ou aquisição de um bem de capital, resultaria na contínua descapitalização do DER e do Estado do Paraná. E acrescentou que essa prática é vedada pelo artigo 44 da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF - Lei Complementar nº 101/2000) e pelo artigo 4º da Lei nº 18.875/2016. Definições e legislação

A fonte nº 125 refere-se às receitas oriundas da venda de ações ou de devolução do capital, subscrito ou não, além de outros ingressos congêneres. Receitas de capital são aquelas provenientes da realização de recursos financeiros oriundos de constituição de dívidas ou da conversão, em espécie, de bens e direitos, além dos recursos recebidos de outras pessoas de direito público ou privado, destinados a atender despesas de capital. Despesas correntes são aquelas despendidas para o custeio de manutenção das atividades dos órgãos da administração pública, como despesas com pessoal, juros da dívida, aquisição de bens de consumo, serviços de terceiros, manutenção de equipamentos, despesas com água, energia, telefone etc. O artigo 44 da LRF dispõe que é vedada a aplicação da receita de capital, derivada da alienação de bens e direitos que integram o patrimônio público, para o financiamento de despesa corrente, salvo se destinado por lei aos regimes de previdência social, geral e próprio dos servidores públicos. Decisão O conselheiro do TCE-PR afirmou que o DER utilizou recursos da fonte de receitas nº 125, no montante de R$ 2.695.872,51, para o pagamento de atualização monetária do principal e de juros de mora, decorrentes do atraso na quitação de faturas de contratos referentes à locação de veículos e a serviços de terraplanagem. E que foram gastos irregularmente R$ 376.219.377,41, da mesma fonte, com o custeio da conservação de pavimentos e manutenção de faixa de domínio – roçada e remoção de material das margens das rodovias, consultoria, pagamento de juros e outros. Artagão afirmou que “de fato há afronta ao artigo 44

da LRF. Portanto, além do recebimento do feito, com sua conversão em Tomada de Contas Extraordinária, não resta outra solução a não ser o deferimento da medida cautelar para sustar os pagamentos de que tratam a presente Comunicação de Irregularidade”. Assim, o conselheiro deferiu a medida cautelar, para determinar que o DER adote as providências necessárias para que as despesas questionadas sejam classificadas como despesas correntes, além de cessar a aplicação de receitas de capital para custeio dessas despesas, deixando de provocar uma contínua descapitalização no patrimônio do Estado do Paraná. O Tribunal determinou a citação de seis dirigentes do DER: Nélson Leal Júnior, diretor-geral; Élbio Gonçalves Maich, diretor administrativo e financeiro; Walmir da Silva, coordenador de Contabilidade e Finanças; Luiz Fernando Reis de Macedo, auditor interno; Silvana Nastos Stumm, agente de Controle Interno; e Marcos Rogério Djazi Fagundes, coordenador de Gerenciamento Orçamentário, para apresentar defesa no prazo de 15 dias. Os conselheiros também determinaram a intimação do DER, na pessoa de seu representante legal, para a ciência e imediato cumprimento da medida cautelar. Serviço Processo nº: 262058/18 Despacho nº 592/18 Assunto: C omunicação de Irregularidade Entidade: Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná Interessados: Élbio Gonçalves Maich, Fernando Reis de Macedo, Luiz Silvana Nastos Stumm, Marcos Rogério Djazi Fagundes, Nélson Leal Júnior e Walmir da Silva Relator: Conselheiro Artagão de Mattos Leão

Cozinha co academia


A-4 Geral

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 15 de maio de 2018

Santo Antônio da Platina recebe Circuito Cultural do Sesi com a peça “Vidas Secas”

Tamyris Zago

TEATRO » Adaptação da obra de Graciliano Ramos será apresentada, gratuitamente, em Santo Antônio da Platina nesta terça-feira Tamyris Zago

Pel a pr i m e i r a ve z no estado do Paraná, a companhia ítalo-brasileira Caravan Maschera apresenta u ma l iv re a d apt a ç ã o d o clássico “Vidas Secas”, de Graciliano Ramos, por meio de bonecos, máscaras e pouco diálogo. A circulação por 14 municípios do estado começou no início de maio. Em Santo Antônio da Platina, a apresentação ocorre nesta terça-feira (15), a partir das 20h, no Teatro Sesi. No dia seguinte, 16 de m a i o, o e s p e t á c u l o d e sembarca em Londrina, no Centro Cultural Sesi/AML, às 19h. A produção não pretende “ilustrar” a temática da clássica obra de Graciliano Ramos, e sim estabelecer u m d i á l o g o e nt r e a i n terpretação subjetiva do público e os sentimentos

e s e ns a ç õ e s qu e o l iv ro passa. A p eça imagética transforma os signos, os significados e os sentidos do contexto atual e histórico da seca, da angústia e da esperança do sertanejo. Neste ano, “Vidas Secas” comemora 80 anos de existência e está entre as obras literárias solicitadas para os vestibulares de 2018. Após passagem por Paranaguá, São José dos Pin h ai s , Pont a Gro ss a , a s próx i m a s apre s e nt a ç õ e s acontecem, respectivamente, em Santo Antônio da Platina (15 de maio), L ond r i na ( 1 6 d e mai o ) , Apucarana (17 de maio), Arapongas (18 de maio), Japurá (21 de maio), Campo Mourão (22 de maio), Umuarama (23 de maio), Paranavaí (24 de maio), Maringá (25 de maio) e Guarapuava (26 de maio). No dia 27 de maio, haverá uma apresentação extra no

Obra de Graciliano Ramos vira peça de teatro e se apresenta hoje em Santo Antônio

Teatro Sesi Pato Branco. Em todos os espaços, as entradas serão gratuitas, com opção de ingresso solidário e doação espontânea de 1 kg de alimento não perecível. O projeto, selecionado por meio de edital, integra o Circuito Cultural do

EMENDA PARLAMENTAR

Cambará recebe escavadeira hidráulica

Sesi/PR, iniciativa do Sesi Cultura Paraná, com foco na difusão de espetáculos de artes cênicas e música. A l é m d e “ Vi d a s S e c a s”, outros seis trabalhos foram eleitos e serão divulgados ao longo do ano, no mesmo formato de circulação. SERVIÇO:

Circuito Cultural Sesi apresenta “Vidas Secas” Datas: 08 a 27 de maio (consultar cronograma abaixo) Classificação: 12 anos Duração: 60 minutos Va l o r : g r a t u i t o, c o m op ç ã o d e i ng re s s o s o l i dário (doação de 1 kg de

alimento) Santo Antônio da Platina Data e horário: 15 de maio, às 20h Local: Teatro Sesi Santo Antonio da Platina Endereço: Rua José Vieira Gusmão, 850 – Rodovia BR 153, Km 40

MELHORIAS

Ribeirão Claro começa obra de alargamento e recape asfáltico da estrada do Tayayá

Entrega da escavadeira hidráulica ocorreu na sexta-feira Graça Maria.

Cambará recebeu na tarde de sexta-feira, 11 de maio, o deputado federal Diego Garcia, que fez a entrega oficial de uma Escavadeira Hidráulica, cedida pelo governo do Paraná ao município, e adquirida com recursos de Emenda Parlamentar obtida pelo deputado. A entrega feita à prefeita em exercício Claudia Batista, contou com a presença dos vereadores, Angelo Raia, Jair Antonio da Silva (Jair Eletricista), e Cristina de Paula Pinto (Cris Liga); o chefe de gabinete da Prefeitura, Marco Aurélio Lima; o secretário municipal da

Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, Airton Anabuki; o diretor da Secretaria de Infraestrutura Urbana, Carlos Alexandre Dega; o chefe local da EMATER, engenheiro agrônomo Roberto Simões, e o também engenheiro da entidade, Almir Del Padre; o monsenhor José Maria Nogueira; o pároco Antonio Carlos Qualia; e integrantes do grupo de Renovação Carismática da Paróquia Nossa Senhora Aparecida da Vila Rubim, a quem o deputado disse manter uma ligação de muitos anos. A prefeita Claudia Batista agradeceu ao deputado pela inclusão de Cambará no

Programa de Renovação de Máquinas Agrícolas do governo do Paraná, lembrando do quanto o maquinário será importante para a realização de serviços que atendam a comunidade cambaraense. O deputado por sua vez, se colocou a disposição do município para continuar colaborando com futuros projetos a ele solicitados, e afirmou que nos últimos três anos, trabalhou em prol da cidade. Além de Cambará, outros 17 municípios receberam escavadeiras hidráulicas, cedidas pelo governo do Paraná, e adquiridas com recursos de Emendas Parlamentares de deputados federais paranaenses.

DEBATE

MPPRrealizareuniãopúblicasobre otemaLGBTnodia25demaio Da Assessoria

Os direitos da população LGBT serão tema de reunião pública promovida pelo Ministério Público do Paraná. Com enfoque no combate à discriminação, o encontro será aberto à participação da população e acontecerá no auditório do edifício-sede da

instituição, em Curitiba, no dia 25 de maio, às 18h30. O objetivo da discussão é reunir as sugestões e as principais reivindicações da população acerca do tema. Ao final do encontro, as proposições apresentadas serão consideradas como orientação para a atuação do Núcleo de Promoção dos Direitos de

Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais, unidade vinculada ao Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça (Caop) de Proteção aos Direitos Humanos do MPPR. Para participar, os interessados devem inscrever-se até 23 de maio, pelo e-mail constitucional@mppr.mp.br ou pelo telefone (41) 3250-4925.

A obra está orçada em R$ 2,7 milhões provenientes de convênio Da Assessoria

A execução do trabalho de alargamento e recape da Rodovia Municipal Aldo Articesso Siquerolli (RM 415) foi iniciada dia 10, em Ribeirão Claro. A obra tem orçamento de R$

2,7 milhões provenientes de convênio firmado pelo prefeito Mario Augusto Pereira com o governo do estado. O objetivo é fortalecer o Turismo, principal potencial do município. Centenas de turistas e visitantes passam

pela estrada todos os meses em direção a pontos turísticos como Morro do Gavião, Rampa Pedra do Índio, Recanto da Cascata e Tayayá Resort, alguns dos empreendimentos turísticos mais visitados de Ribeirão Claro.

AÇÕES TRABALHISTAS

TRT-PR padroniza sistema de expedição de certidões negativas Da Assessoria

Desde o último dia 02, a emissão de certidões negativas de ações trabalhistas e x p e d i d a s p e l o T RT d o Paraná deverá será feita exclusivamente de forma eletrônica, por meio do portal do Regional Paranaense. A determinação, que visa a padronizar procedimentos do Tribunal, está prevista no Ato Presidência/Corregedoria nº 70/2018, publicado no dia 02 de maio. A emissão da Certidão

Negativa de Ações Trabalhistas pelo site do TRT do Paraná é rápida e gratuita. As certidões compreendem o Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho (PJe-JT) e o Escritório Digital (SUAP), relacionando todas as ações em que a parte figura no polo passivo e que estão em andamento nas unidades que integram a jurisdição do TRT do Paraná. Havendo indisponibilidade do sistema eletrônico, a certidão poderá ser requerida, também de forma

gratuita, à Coordenadoria de Apoio às Varas de Curitiba e, nas demais localidades, diretamente nas Varas do Trabalho. Certidões explicativas, de arquivamento dos autos e de julgamento deverão ser solicitadas diretamente à Secretaria das Varas. Para acessar o conteúdo c ompl e to d o Ato Pre s i d ê n c i a / C or re g e d or i a n º 70/2018, clique no link: h t t p s : / / w w w. t r t 9 . ju s . br / p or t a l / d e st a qu e s . xhtml?id=6644882


Cotidiano A-5

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 15 de maio de 2018

PC descarta relação entre homicídios em Santo Antônio da Platina

INVESTIGAÇÃO  Mortes com características de execução aconteceram num intervalo de 14 dias Luiz Guilherme Bannwart

O assassinato de Alexsander Martins da Silva, conhecido por ‘Limãozinho’, na madrugada de domingo (13), no Conjunto Habitacional Aparecidinho 3, em Santo Antônio da Platina, não tem nenhuma relação com a mor te de Rafael Baltazar da Silva, 23, ocorrida no dia 29 de Abril na avenida Frei Guilherme Mar i a , re g i ã o n o bre d a cidade. Ambas as vítimas assassinadas a tiros, e com características de execução. De acordo com a Polícia Civil, apesar de prematura, a principal linha de investigação para esclarecer a morte de Alexsander da Silva aponta para uma suposta ligação dele com o tráfico de drogas. “Há indícios de que o crime foi motivo pela disputa de espaço no tráfico de drogas, e até mesmo por vingança, mas com o tem-

po tudo será esclarecido”, ponderou uma fonte ligada ao Setor de Investigação da 38ª Delegacia Regional de Polícia. Alexsander Martins da Silva, o ‘Limãozinho’, foi executado com três tiros na cabeça na madrugada de domingo (13). Ainda não há informações sobre suspeitos, nem quanto à arma usada no crime. Questionada sobre a motivação da morte de Rafael Baltazar da Silva, a Polícia Civil informou que as investigações estão prestes a s e re m c on c lu í d a s . O s detalhes, porém, não serão revelados por ora para não atrapalhar os trabalhos desenvolvidos para esclarecer o caso. Em relação ao fato, a Polícia Civil apenas revelou que arma utilizada no homicídio foi uma pistola 9 mm de uso restrito. Assim como Alexsander

Arquivo

Alexsander Martins da Silva, o ‘Limãozinho’, foi assassinado com três tiros na cabeça

Martins da Silva, Rafael Baltazar da Silva foi executado a tiros no fim da madrugada do domingo (29), quan-

JACAREZINHO

Bandido rouba malote com dinheiro em frente ao Sicoob

Jivago França / Portal JNN

do, segundo testemunhas, ele retornava de uma festa promovida no Parque de Exposições Alicio Dias dos

Reis durante a 46ª Efapi. De acordo com a Polícia Militar no dia do crime, a vítima estava sozinha e foi

alvejada por pelo menos três tiros. Seu algoz também estaria sozinho, e teria fugido a pé.

JACAREZINHO

PM recupera carregadores e munições furtadas de policial

Carregadores, munições, simulacro e objetos possivelmente furtados foram encontrados na casa suspeita Da Redação com Portal JNN

Vítima foi rendida pelo assaltante no momento em que chegava ao estacionamento da agência Da Redação com Portal JNN

Um bandido armado, em uma motocicleta, roubou um malote com dinheiro de um supermercado que seria depositado na tarde desta segunda-feira (14), na cooperativa de crédito Sicoob, em Jacarezinho. Segundo informações,

a vítima foi rendida por volta das 15 horas na entrada do estacionamento da agência, na praça Rui Barbosa, no centro da cidade. O valor levado pelo criminoso não foi informado pela Polícia Militar. Equipes da Radio Patrulha e do Serviço Reservado da PM fizeram rondas, mas até

a publicação da reportagem nenhum suspeito havia sido preso. O criminoso era moreno, baixo e usava capacete no momento do assalto. Imagens gravadas pelas câmeras de segurança da agência podem ajudar na identificação do bandido.

JACAREZINHO

Homem é flagrado com meio quilo de cocaína e R$ 6,7 mil em dinheiro Da Redação com Assessoria

Um homem de 25 anos foi preso pela Polícia Militar por volta das 7 horas da última sexta-feira (12), na vila Leão, em Jacarezinho, com mais de

500 gramas de cocaína. Durante o cumprimento de mandado de prisão contra o suspeito, em uma gaveta, no guarda-roupa, os policiais encontraram 582 gramas de cocaína e R$

6.710,50. O morador confessou que a maior parte do dinheiro encontrado era proveniente do tráfico de drogas. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil.

A Polícia Militar recuperou no início da madrugada de sexta-feira (11) dois carregadores e munições furtadas da casa de um policial militar, na última semana, em Jacarezinho. Após investigações, os militares da cidade, com apoio da Rádio Patrulha de Cambará, abordaram uma casa na rua de acesso ao bairro Aeroporto. Havia denúncias sobre o tráfico de drogas no local, e que na casa estavam os carre-

gadores furtados do policial. Ao perceber a aproximação policial, um suspeito que estava no endereço fugiu sentido à comunidade Nossa Senhora das Graças. Uma adolescente que estava no local foi abordada pela equipe. Ela seria namorada do suspeito. A adolescente alegou que não sabia de nada sobre o tráfico de drogas no local, e disse que não havia nada de ilícito na casa. Durante as buscas, no entanto, em um armário foi encontrado uma bolsa de couro preta

com os dois carregadores de pistola .40, 35 munições intactas do mesmo calibre, um simulacro de revólver, um carregador de notebook, dois perfumes, seis relógios e uma caixa para armazenar munições .40, também furtada do policial. Após constatar que se tratava dos carregadores furtados da casa do militar e que os outros objetos possivelmente também seriam produtos de furto, a adolescente foi apreendida e encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil.


A-6 Geral SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA BASE TERRITORIAL: Abatiá, Conselheiro Mairinck, Curiúva, Figueira, Guapirama, Ibaiti, Jaboti, Japira, Joaquim Távora, Jundiaí do Sul, Pinhalão, Quatiguá, Ribeirão do Pinhal, Salto do Itararé, Santana do Itararé, Santo Antonio da Platina, São José da Boa Vista, Sapopema, Siqueira Campos, Tomazina e Wenceslau Braz. Rua Cel. Capucho, 314 - Cep.: 86430-000 - Santo Antônio da Platina-PR Fone/Fax: (xx43) - 3534-1836 –

www.secsap.org.br e-mail sindcomerciosap@ibest.com.br;sindcomerciosap@hotmail.com CNPJ: 78.592.011/0001-03

SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO DE SANTO ANTONIO DA PLATINA Rua Coronel Capucho, Nº 314 - SANTO ANTONIO DA PLATINA - PR EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

O Presidente da Entidade supra, no uso das atribuições que lhe conferem o Estatuto e a Legislação vigente, CONVOCA os EMPREGADOS EM CONCESSIONÁRIAS E DISTRIBUIDORAS DE VEÍCULOS e os associados quites com a Tesouraria e em condições de voto, para participarem da ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA, que se realizará no dia (21) VINTE E UM DE MAIO DE 2018, às 18:30 (dezoito horas e trinta minutos), em sua sede social, situada no endereço acima, a fim de deliberar sobre as seguintes matérias da Ordem do Dia: A) Leitura e aprovação da Ata da Assembléia anterior; B) Autorização para a Diretoria negociar com SINDICATO DOS CONCESSIONÁRIOS E DISTRIBUIDORES DE VEÍCULOS NO ESTADO DO PARANÁ – SINCODIV e com o SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE VEÍCULOS DE LONDRINA – SINCOVAVE, CONVENÇÕES COLETIVAS DE TRABALHO para os trabalhadores representados por esta Entidade, com data-base em 1º de Junho; C) Estipulação do Piso Salarial mínimo para a categoria profissional; D) Fixação de Contribuição Assistencial (Reversão Salarial ou Taxa Negocial); E) Autorização para a Diretoria outorgar procuração a advogados, a fim de acompanharem a tramitação do processo de Convenção Coletiva de Trabalho; F) Autorização para a Diretoria firmar compromisso arbitral, nos termos da Lei nº 9.307/96, ou apresentar representação perante o Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região para instauração de Dissídio Coletivo de Trabalho em relação às entidades sindicais patronais; Outras reivindicações de interesse da classe. OBS.: Os itens B, C, D, E e F serão votados por escrutínio secreto. O “quorum” para validade da Assembléia dependerá do comparecimento e votação, em primeira convocação, no horário acima, de 2/3 (dois terços) dos associados da Entidade e, em segunda convocação, uma hora após, com 1/3 (um terço) dos mesmos. O “quorum” para aprovação do item F, nos termos do artigo 859 da CLT, dependerá do comparecimento e votação, em primeira convocação, no horário acima, de 2/3(dois terços) dos associados interessados e, em segunda convocação, uma hora após, com 2/3 (dois terços) dos presentes.

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 15 de maio de 2018

Sicredi lança concurso fotográfico para associados e colaboradores

CONCURSO CULTURAL » As 12 fotos vencedoras irão integrar os materiais institucionais do Sicredi em 2019; o tema da produção das fotos para os associados do Sicredi é “Seu Olhar Sobre a Sua Cidade

SANTO ANTONIO DA PLATINA, 14 DE MAIO DE 2018.

MILTON DE SOUZA COELHO Presidente.

CONVITE A POPULAÇÃO PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE O Secretário Municipal de Saúde de Cambará - PR convida as autoridades, Líderes Comunitários, Representantes de Entidades, bem como o Povo em Geral, para participarem da audiência pública do 1º Quadrimestre de 2018, a qual será realizada no Câmara Municipal, no dia 24 de Maio de 2018 (Quinta - Feira ) às 14:00 horas da tarde. Cambará- Pr, 14 de Maio de 2018 Diego Domingues de Oliveira Secretário de Saúde PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA AVISO DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 24/2018 Objeto: Aquisição de Gêneros Alimentícios e Material de Limpeza para a Secretaria Municipal de Educação e Cultura do Município de Tomazina-PR, conforme especificações constantes no Termo de Referencia, ( Anexo I) do Edital. A Prefeitura Municipal de Tomazina, através da comissão de Licitações, torna público para conhecimento dos interessados que realizará a licitação referente ao PREGÃO PRESENCIAL n.º 24/2018. Abertura da Licitação: 09 horas do dia 28/05/2018 Local da Abertura: Prefeitura Municipal de Tomazina – Praça Tenente João José Ribeiro, 99 – Tomazina – PR. A cópia do Edital, bem como maiores esclarecimentos estarão à disposição dos interessados de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h., e das 13h às 17h h, até vinte e quatro horas antes do certame, e pelo email:comprastmz@hotmail.com. Tomazina, 14 de maio de 2018 Camila do Vale Morais PREGOEIRA OFICIAL ________________________________ ABANDONO DE EMPREGO A Companhia Canavieira de Jacarezinho, empresa com sede em Jacarezinho - PR, à Rodovia BR 153, KM 09, Bairro Costa Junior, CEP 86.400-000, inscrita no CNPJ sob o n.º 49.648.587/0002-10, convoca o Sr. Thiago Carlos Gaspar Ruivo, CTPS 37465 série 00338 - SP, a comparecer em sua sede no prazo máximo de 48 (Quarenta e Oito horas) sob pena de configurar abandono de emprego, sujeito às penalidades previstas no art. 482 da CLT. 1) Súmula de requerimento de Licença Simplificada TNG EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA, torna pública que irá requerer ao IAP, a Licença Simplificada, para fins de projeto de parcelamento de solo-loteamento de área urbana denominado Parque das Flores, com 50.710,27m2, Matrícula nº18.486, a ser implantada na Rua Minas Gerais, bairro Jardim Dona Ismênia e Vila São Pedro. PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL LEI Nº. 1.914/2018 SÚMULA: Institui o Diário Oficial Eletrônico como veículo oficial de comunicação dos atos normativos e administrativos do Município de Ribeirão do Pinhal. A Câmara Municipal de Ribeirão do Pinhal, estado do Paraná aprovou. E, eu Wagner Luiz Oliveira Martins, prefeito municipal sanciono a seguinte Lei: Art. 1° Fica instituído como veículo oficial de comunicação, publicidade e divulgação dos atos normativos e administrativos do Município de Ribeirão do Pinhal o Diário Oficial Eletrônico, visando os requisitos de eficácia, moralidade e obrigação com a transparência. Parágrafo Único. Serão publicados no Diário Oficial Eletrônico os atos normativos e administrativos dos Poderes Executivo e Legislativo, bem como dos órgãos que compõem a administração pública direta e indireta. Art. 2° As edições do Diário Oficial Eletrônico serão disponibilizadas na rede mundial de computadores, no endereço eletrônico: http://ribeiraodopinhal.pr.gov.br/diario-oficial/ podendo ser consultadas por qualquer interessado sem custos e independentemente de cadastramento. Art. 3º A veiculação será diária, de segunda a sexta-feira, a partir das 8h00 (oito horas), exceto nos feriados nacionais, estaduais e do município de Ribeirão do Pinhal, bem como nos dias em que não houver expediente ou atos oficiais processuais e administrativos para serem publicados. Art. 4° As edições do Diário Oficial Eletrônico atenderão aos requisitos de autenticidade, integridade, validade jurídica e interoperabilidade da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP. Art. 5° As publicações eletrônicas realizadas no Diário Oficial Eletrônico substituirão quaisquer outras formas de publicação utilizadas pelo Município, exceto quando a legislação federal ou estadual exigir outro meio de publicidade e divulgação dos atos administrativos. Art. 6° Os direitos autorais dos atos municipais publicados no Diário Oficial Eletrônico são reservados ao Município de Ribeirão do Pinhal. Art. 7º A responsabilidade pelo conteúdo da publicação é do órgão que o produziu. Art. 8º As despesas com a execução da presente Lei correrão à conta das dotações orçamentárias próprias. Art. 9º O Poder Executivo regulamentará a presente lei no prazo de 30 (trinta) dias, no que couber. Art. 10º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Art.11º Revogam-se as disposições em contrário. Edifício da Prefeitura Municipal de Ribeirão do Pinhal, em 08 de maio de 2018. GABINETE DO PREFEITO WAGNER LUIZ OLIVEIRA MARTINS Prefeito Municipal

Da Assessoria

O Sicredi – instituição financeira cooperativa com mais de 3,7 milhões de associados e atuação em 21 estados brasileiros e Distrito Federal – lança o concurso cultural fotográfico “Simples Cidade”, que vai escolher as fotos dos calendários e agendas da instituição para o ano 2019. O concurso é destinado aos associados e colaboradores do Sicredi e tem a finalidade de engajá-los a fazer juntos os materiais para próximo ano. O tema da produção das fotos para os associados do Sicredi é “Seu Olhar Sobre a Sua Cidade”, buscando destacar imagens que retratem as suas regiões. Já para os colaboradores da instituição financeira cooperativa, a temática é “Seu Olhar Sobre o Seu País”, incentivando ima-

gens que representem o País. Para participar, é preciso acessar o link sicredi.com.br/ promocao/simplescidade, ler os critérios técnicos da foto a ser enviada, preencher um formulário eletrônico e fazer o upload da imagem até 31 de maio. Serão 12 fotos vencedoras (duas produzidas por associados de cada uma das cinco centrais regionais que compõem o Sicredi, totalizando dez, e duas produzidas por colaboradores do Sicredi) que mostrem um olhar do autor sobre o Brasil ou a sua cidade. A seleção das imagens será feita por um júri técnico composto de fotógrafos da Canon e o resultado sai em 30 de junho. Os vencedores ganharão uma câmera fotográfica profissional (Canon EOS Rebel T6 DSLR). Sobre o Sicredi

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão valoriza a participação dos 3,7 milhões de associados, os quais exercem um papel de dono do negócio. Com presença nacional, o Sicredi está em 21 estados* e no Distrito Federal, com 1.500 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros. Mais informações estão disponíveis em www.sicredi.com.br. *Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.


Geral A-7

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 15 de maio de 2018

Municípios da região recebem Selo Prata e Bronze por salas do Empreendedor

SEBRAE» Ribeirão Claro, Bandeirantes e Wenceslau Braz receberam Selo Prata, e Jacarezinho e Cambará Bronze

Assessoria

Evento que premiou Salas do Empreendedor foi em Curitiba Da Assessoria

Pela primeira vez, o Sebrae/PR concedeu o Selo de Referência em Atendimento a 71 Salas do Empreendedor, durante encontro realizado na semana passada, no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba. O objetivo do Selo é reconhecer a rede de parceiros pelo desempenho no atendimento aos microempreendedores individuais (MEIs), na promoção da sustentabilidade e competividade dos negócios. Das 165 Salas do Empreendedor no Paraná, 113 aderiram ao processo para obtenção do Selo e 71 alcançaram pontuação

mínima para receber a chancela. Ribeirão Claro, Bandeirantes e Wenceslau Braz receberam Selo Prata e Jacarezinho e Cambará Bronze. De acordo com Julio Cezar Agostini, diretor-executivo do Sebrae/PR, a partir de 2014, houve um aumento expressivo no número de Salas do Empreendedor, que passaram a seguir padrões para melhorar o atendimento ao público. “Naquele ano, existiam dez salas; hoje, são 165, todas preparadas para orientar o empreendedor. As Salas estão em todo o Paraná e são estratégicas para levar informações e capacitação para os municípios e territó-

rios. A parceria do Sebrae/PR com as prefeituras possibilita um atendimento diferenciado ao nosso cliente”, avalia. Segundo Carla Selva, coordenadora estadual das Salas do Empreendedor do Sebrae/ PR, três critérios foram avaliados para a obtenção do Selo: produtos oferecidos, gestão e atendimento ao cliente. “Porém, o de maior peso foi em relação ao atendimento. Para ele, utilizamos duas ferramentas de análise: uma pesquisa de satisfação diretamente com o cliente atendido e a contratação de cliente oculto. O Selo vem para reconhecer o trabalho das Salas e estimular

a melhoria dos serviços prestados ano a ano”, explica. A premiação aconteceu durante o evento “We Inspiramos, Podemos, Transformamos” e reuniu cerca de 350 pessoas no MON. Os presentes fizeram uma visita guiada ao Museu e participaram de painéis, workshops e dinâmicas sobre macrotendências, comportamento humano, transformação digital, novos modelos de negócios, além de atividades lúdicas com o humorista Marcelo Marrom. Premiação As Salas do Empreendedor que obtiveram entre 75 e 80 pontos receberam o Selo Bronze; de 81 a 90, o Prata; e acima

de 91, o Selo Ouro. Na categoria Ouro, foram reconhecidas as Salas do Empreendedor de Guaíra, Itaipulândia, Jandaia do Sul, Quedas Do Iguaçu, Entre Rios Do Oeste, Assis Chateaubriand, Realeza e Mercedes. Na categoria Bronze, foram reconhecidas as Salas do Empreendedor de Apucarana, Paraíso do Norte, Jacarezinho, Pinhais, São Jorge do Oeste, Terra Roxa, São Mateus do Sul, Cambará, Pontal do Paraná, Alto Paraná, Quatro Pontes, Paranavaí, Marechal Cândido Rondon, Araucária, Pérola do Oeste, Laranjeiras do Sul, Cambé, Curitiba, Fazendinha, Goioerê, Londrina, Palotina,

Rolândia, União da Vitória, Pitanga, Umuarama, Reserva do Iguaçu, Palmeira e Piraquara. Na Prata, receberam o Selo as Salas do Empreendedor de Pranchita, Candói, Foz do Iguaçu, Santa Helena, Ribeirão Claro, Tupãssi, Bandeirantes, Matinhos, Pato Bragado, Pato Branco, Icaraíma, Corbélia, Mangueirinha, Planalto, Wenceslau Braz, Campo Mourão, Bituruna, Pérola, Tijucas do Sul, Araruna, Cruzeiro do Oeste, Marialva, Maripá, Matelândia, Cascavel, São Miguel do Iguaçu, Missal, Siqueira Campos, Nova Tebas, São João do Ivaí, Ibiporã, Cafelândia, Paranaguá e São José dos Pinhais.

INFORME PUBLICITÁRIO

APP-Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Paraná • Av. Iguaçu, 880 - Rebouças - Curitiba - Paraná - CEP 80.230-020 - Fone: (41) 3026-9822 / Fax: (41) 3222-5261 • Site: www.appsindicato.org.br • Presidente: Hermes Silva Leão • Secretário de Comunicação: Luiz Fernando Rodrigues • Secretário Executivo de Comunicação: Claudinei Pereira • Assessor de Comunicação: Tiago Somma • Jornalistas: Aline D’avila de Lima, Fabiane Lourencetti Burmester (4305-PR), Gelinton Batista (8027-PR) e Uanilla Pivetta (8071-PR). Diagramador: Rodrigo Augusto Romani (7756-PR) • Técnica em atendimento (fale conosco): Valdirene de Souza • Monitor de redes e mídias sociais: Luan Pablo Romero de Souza

Nº 1081 - 09 de maio de 2018 EDITAIS DE CONVOCAÇÃO Assembleia Regional Ordinária Núcleo Sindical de Cianorte

Assembleia Regional Extaordinária Núcleo Sindical de Foz do Iguaçu

O Presidente do Núcleo Sindical de Cianorte, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação Pública, sindicalizados/as para Assembleia Regional Ordinária, a ser realizada no dia 11/05/2018, nas dependência do núcleo sindical, Avenida América, 4719, Cianorte/PR, em primeira convocação às 18:00h e em segunda convocação as 18h30min, para tratar dos seguintes assuntos: 1) Apreciação dos Balanços Financeiro Patrimonial e do Relatório de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 do Núcleo Sindical; 2) Aprovação do Plano Anual de Aplicação Orçamentária para 2018.

A Presidenta do Núcleo Sindical de Foz do Iguaçu no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação sindicalizados/as, para a Assembleia Regional Extraordinária a ser realizada no dia 12/05/2018, logo após a Assembleia Regional Ordinária no mesmo local, com a seguinte pauta: 1) Informes; 2) Mobilizações; 3) Código de Ética e 4) Outros assuntos.

Marcos Alberto de Lima Fernandes | Presidente Assembleia Regional Extraordinária Núcleo Sindical de Cianorte O Presidente do Núcleo Sindical de Cianorte, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação Pública, sindicalizados/as para Assembleia Regional Extraordinária, a realizar-se logo após a Assembleia Regional Ordinária no mesmo dia e local, com a seguinte pauta: 1 - Mobilização; 2 - Informes; 3 - Outros assuntos. Marcos Alberto de Lima Fernandes | Presidente Assembleia Regional Ordinária Núcleo Sindical Curitiba Sul A Presidenta do Núcleo Sindical Curitiba Sul, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação sindicalizados/as, para a Assembleia Regional Ordinária a ser realizada no dia 12/05/2018, às 8h30min em primeira convocação e em segunda às 9h, na sede do Núcleo Sindical Curitiba Sul, sito à Rua Alferes Poli, 405 sobreloja, Rebouças, Curitiba/PR, com a seguinte pauta: 1) Apreciação dos Balanços Financeiro, Patrimonial e do Relatório de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 do Núcleo Sindical; 2) Aprovação do Plano Anual de Aplicação Orçamentária para 2018. Natalia dos Santos da Silva | Presidenta Assembleia Regional Extraordinária Núcleo Sindical Curitiba Sul A Presidenta do Núcleo Sindical Curitiba Sul, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as trabalhadores/as em educação sindicalizados/as para Assembleia Regional Extraordinária, a realizar-se após a Assembleia Regional Ordinária no mesmo local, com a seguinte pauta: 1 - Informes 2- Mobilizações; Natalia dos Santos da Silva | Presidenta Assembleia Regional Ordinária Núcleo Sindical de Foz do Iguaçu

Catia Ronsani Castro | Presidenta Assembleia Regional Ordinária Núcleo Sindical de Irati O Presidente do Núcleo Sindical de Irati, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as trabalhadores/as em educação sindicalizados/ as para Assembleia Regional, a realizar-se no dia 16/05/2018, às 18h em primeira convocação e em segunda convocação às 18h30min, nas dependências do Núcleo de Irati, sito à Rua Barão do Rio Branco, 43, Centro, com a seguinte pauta: 1 - Apreciação dos Balanços Financeiro, Patrimonial e do Relatório de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 do Núcleo Sindical e 2 - Aprovação do Plano Anual de Aplicação orçamentária para 2018. Guilherme Maier | Presidente Assembleia Regional Extraordinária Núcleo Sindical de Irati O Presidente do Núcleo Sindical de Irati, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as trabalhadores/as em educação sindicalizados/ as para Assembleia Regional, a realizar-se após a Assembleia Regional Ordinária no mesmo local, com a seguinte pauta: 1 - Mobilização; 2 Informes; 3 - Outros assuntos. Guilherme Maier | Presidente Assembleia Regional Ordinária Núcleo sindical de Ivaiporã O Presidente do Núcleo Sindical de Ivaiporã, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as trabalhadores/as em educação sindicalizados/ as para Assembleia Regional Ordinária, a realizar-se no dia 12/05/2018, no CEEBJA Prof. Milton Pirolo, 375, Ivaiporã/Pr, em primeira convocação às 8h e 8h30min em segunda convocação, com a seguinte pauta: 1 - Apreciação dos Balanços Financeiro, Patrimonial e do Relatório de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 do Núcleo Sindical e 2 - Aprovação do Plano Anual de Aplicação orçamentária para 2018. Eliaquim Sergio Chaves da Conceição | Presidente Assembleia Regional Extraordinária Núcleo Sindical de Ivaiporã O Presidente do Núcleo Sindical de Ivaiporã, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as trabalhadores/as em educação sindicalizados/ as para Assembleia Regional, a realizar-se após a Assembleia Regional Ordinária no mesmo local, com a seguinte pauta: 1 - Mobilização; 2 Informes; 3 - Outros assuntos. Eliaquim Sergio Chaves da Conceição | Presidente Assembleia Regional Ordinária Núcleo Sindical de União da Vitória

A Presidenta do Núcleo Sindical de Foz do Iguaçu, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação sindicalizados/as, para a Assembleia Regional Ordinária a ser realizada no dia 12/05/2018, às 8h30m em primeira convocação e em segunda às 9h, no auditório do Sindicato dos Servidores Municipais de Foz do Iguaçu - SISMUFI, sito à Rua Tarobá, 249, Centro, com a seguinte pauta: 1) Apreciação dos Balanços Financeiro, Patrimonial e do Relatório de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 do Núcleo Sindical; 2) Aprovação do Plano Anual de Aplicação Orçamentária para 2018.

A Presidente do Núcleo Sindical de União da Vitória, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação sindicalizados/as, para a Assembleia Regional Ordinária a ser realizada no dia 18/05/2018, às 17h30min em primeira convocação e em segunda às 18h na Escola Municipal Professor Serapião sito à Praça Coronel Amazonas, 04, Centro, com a seguinte pauta: 1 - Apreciação dos Balanços Financeiro, Patrimonial e do Relatório de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 do Núcleo Sindical e 2 - Aprovação do Plano Anual de Aplicação Orçamentária para 2018.

Catia Ronsani Castro | Presidenta

Salete Tonon | Presidente

Assembleia Regional Extraordinária Núcleo Sindical de União da Vitória A Presidente do Núcleo Sindical de União da Vitória, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação sindicalizados/as, para a Assembleia Regional Extraordinária a ser realizada no dia 18/05/2018, logo após a Assembleia Regional Ordinária na Escola Municipal Professor Serapião, Praça Coronel Amazonas, 04, Centro, com a seguinte pauta: 1) Informes; 2) Avaliação da Pauta da categoria; 3) Outros Assuntos. Salate Tonon | Presidente

ASSEMBLEIAS MUNICIPAIS Assembleia Municipal Ordinária e Extraordinária das/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Roncador O pre sidente do Núcle o Sindical de C amp o Mour ão da A PPSINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias e de acordo com o Regimento de Eleição das Direções Municipais resolve convocar as/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Roncador para participarem da Assembleia Municipal Ordinária para a eleição da Direção Municipal, a ser realizada no dia 16/05/2018, às 17h (dezessete horas) em primeira convocação e às 17h30min (dezessete horas e trinta minutos), em segunda convocação, na Câmara de Vereadores, localizada na Rua São Paulo, nº 865, no Município de Roncador, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Constituição da Direção Municipal; 2) Aprovação do Regimento Específico de Funcionamento da Direção Municipal e 3) Eleição das/os integrantes da Direção Municipal. Em ato contínuo, no mesmo local, para Assembleia Municipal Extraordinária, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Informes; 2) Negociações; 3) Deliberação sobre Mobilizações/Greve; e 4) Outros Assuntos.

Assembleia Municipal Ordinária e Extraordinária das/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Goioxim A presidente do Núcleo Sindical de Guarapuava da APP-SINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias e de acordo com o Regimento de Eleição das Direções Municipais resolve convocar as/os trabalhadoras/ es em educação pública da rede municipal de educação de Goioxim para participarem da Assembleia Municipal Ordinária para referendar a Direção Municipal eleita em novembro/2017, a ser realizada no dia 16/05/2018, às 18h (dezoito horas) em primeira convocação e às 18h30min (dezoito horas e trinta minutos), em segunda convocação, no Auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, localizado na Rua São Sebastião, nº 190, no município de Goioxim, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Referendo da Direção Municipal; 2) Aprovação do Regimento Específico de Funcionamento da Direção Municipal e 3) Definição das mensalidades da categoria. Em ato contínuo, no mesmo local, para Assembleia Municipal Extraordinária, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Informes; 2) Alterações no Plano de Carreira do Magistério Municipal e 3) Outros Assuntos. TEREZINHA DOS SANTOS DAIPRAI | Presidente NS de Guarapuava Assembleia Municipal Ordinária das/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Pato Branco

IRONEI DE OLIVEIRA Presidente NS de Campo Mourão

O presidente do Núcleo Sindical de Pato Branco da APP-SINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias e de acordo com o Regimento de Eleição das Direções Municipais resolve convocar as/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Pato Branco para participarem da Assembleia Municipal Ordinária para a eleição da Direção Municipal, a ser realizada no dia 11/05/2018, às 17h30min (dezessete horas e trinta minutos) em primeira convocação e às 18h (dezoito horas), em segunda convocação, na Sede do Núcleo Sindical da APPSINDICATO, localizada na Rua Doutor Sílvio Vidal, nº 720, Bairro La Salle, no Município de Pato Branco, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Constituição da Direção Municipal; 2) Aprovação do Regimento Específico de Funcionamento da Direção Municipal; 3) Definição das mensalidades da categoria; e 4) Eleição das/os integrantes da Direção Municipal.

Assembleia Municipal Ordinária e Extraordinária das/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Boa Ventura de São Roque

Assembleia Municipal Ordinária e Extraordinária das/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Boa Ventura de Ouro Verde do Oeste

A presidente do Núcleo Sindical de Guarapuava da APP-SINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias e de acordo com o Regimento de Eleição das Direções Municipais resolve convocar as/os trabalhadoras/ es em educação pública da rede municipal de educação de Boa Ventura de São Roque para participarem da Assembleia Municipal Ordinária para a eleição da Direção Municipal, a ser realizada no dia 17/05/2018, às 16h45min (dezesseis horas e quarenta e cinco minutos) em primeira convocação e às 17h15min (dezessete horas e quinze minutos), em segunda convocação, na Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida, localizada na Rua 18 de Setembro, nº 80, Centro, no município de Boa Ventura de São Roque, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Constituição da Direção Municipal; 2) Aprovação do Regimento Específico de Funcionamento da Direção Municipal; 3) Definição das mensalidades da categoria; e 4) Eleição das/os integrantes da Direção Municipal. Em ato contínuo, no mesmo local, para Assembleia Municipal Extraordinária, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Informes; 2) Alterações no Estatuto dos Servidores Municipais e no Plano de Carreira do Magistério Municipal e 3) Outros Assuntos.

O presidente do Núcleo Sindical de Toledo da APP-SINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias e de acordo com o Regimento de Eleição das Direções Municipais resolve convocar as/os trabalhadoras/es em educação pública da rede municipal de educação de Ouro Verde do Oeste para participarem da Assembleia Municipal Ordinária para a sindicalização dos/as trabalhadores/ as em educação municipais e eleição da Direção Municipal, a ser realizada no dia 16/05/2018, às 19h (dezenove horas) em primeira convocação e às 19h30min (dezenove horas e trinta minutos), em segunda convocação, no Centro Cultural, localizado na Rua Washington Luis, nº 322, Centro, no Município de Ouro Verde do Oeste, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Filiação da categoria a APP-Sindicato; 2) Constituição da Direção Municipal; 3) Aprovação do Regimento Específico de Funcionamento da Direção Municipal; 4) Definição das mensalidades da categoria; e 5) Eleição das/os integrantes da Direção Municipal. Em ato contínuo, no mesmo local, para Assembleia Municipal Extraordinária, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Definição das Pautas de Reivindicações da Categoria, 2) Negociações e Mobilizações e 3) Outros Assuntos.

EVERSON JOSÉ LOPES | Presidente NS de Pato Branco

TEREZINHA DOS SANTOS DAIPRAI Presidente NS de Guarapuava

ESION FERNANDO FREITAS | Presidente NS de Toledo


A-8 Agronegócio

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 15 de maio de 2018

Duas frentes frias nesta semana devem trazer chuva à região SIMEPAR » A última vez que choveu no Norte Pioneiro foi no dia 2 de abril

Gladys Santoro

A última chuva, um pouco mais volumosa (cerca de 15 milímetros), que ocorreu na região foi registrada nos dias 1º e 2 de abril. De lá para cá, ou seja, 45 dias, a seca foi predominante em praticamente todo

o Norte Pioneiro. A volta das chuvas regulares está prevista para esta semana, com duas frentes frias que estão se formando na região Sul do País, embora, segundo o meteorologista do Instituto Simepar, Samuel Braun, elas estão chegando de forma desorganiza-

da, o que pode não beneficiar todos os municípios. “Na quarta-feira deve chover, mas tudo indica que não será uniforme. Em algumas cidades o volume será razoável- cerca de 20 milímetros. Porém, para o final de semana está chegando mais uma frente fria. Essa sim

AGRICULTURA

Safra de inverno nas ‘mãos’ das águas de maio

deve trazer chuvas mais pesadas e regulares e desafogar um pouco os agricultores, que estão sendo duramente penalizados com a estiagem prolongada”, disse. O clima esta semana não deve sofrer alterações, mesmo com as frentes frias. Porém,

depois da passagem de ambas, os termômetros devem cair bastante. Alguns municípios do Norte Pioneiro chegarão a registrar temperaturas abaixo dos 10 graus. Dias mais frios estão sendo esperados apenas para junho e julho, quando pode haver

Antônio de Picolli

geadas. “Esse período seco que estamos enfrentando é próprio da estação do ano, embora, a estiagem costume ocorrer em meses diferentes. Tem ano, que acontece em abril, em outros em maio. Quem acaba sofrendo com essas variações são os agricultores”, comentou.

MERCADO

EmbargoEuropeuàsimportações de frango preocupa setor

Bloqueio da Europa à carne de frango do Brasil preocupa mercado interno Portal Agronegócio

Produtores do milho safrinha já registram perdas significativas FAEP

Há muito tempo as águas de maio não eram tão esperadas como neste ano. Produtores rurais de praticamente todas as regiões do Paraná estão na expectativa da normalização no regime de chuvas. Na maioria dos lugares, o fenômeno meteorológico não ocorre de forma significativa desde o dia 1º de abril. A previsão é que a situação se normalize apenas nos últimos 10 dias

de maio. No caso do milho safrinha, em fase crítica de desenvolvimento das espigas, mesmo que a precipitação volte ao normal, o cultivo já tem perdas registradas. O mesmo ocorre com o feijão. Onde a pecuária é mais forte, as pastagens também penam e já exigem alternativas por parte dos produtores para alimentar os animais. O problema maior está nas partes do Estado que dedicam áreas significativas a segunda safra de milho. Ao todo,

os produtores paranaenses dedicaram 2,14 milhões de hectares ao cultivo. Somente a região de Londrina é responsável por cerca de 10% desse total, segundo dados do Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Paraná (Seab). “As lavouras estão penando. Já podemos considerar que vamos ter perdas de pelo menos 30% em relação à estimativa inicial”, diz Narciso Pissinati, presidente do Sindicato Rural de Londrina.

A terceira fase da Operação Carne Fraca, que apontou um esquema fraudulento entre laboratórios privados e frigoríficos, que envolvia a concessão de laudos que atestavam a ausência de salmonela em carnes de aves, trouxe alguns problemas para as exportações de carne de frango para a União Europeia. Para tentar reverter esse cenário, o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou que o Brasil vai entrar com uma ação na Organização Mundial do Comércio (OMC) contra a União Europeia (UE), por conta do embargo às importações de carne de frango da BRF e de outros frigoríficos brasileiros. Para Maggi, o embargo, por parte da EU, poderá afetar as negociações para um acordo de livre comércio entre o Mercosul e o bloco europeu. De acordo com o vice-presidente de mercado da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Ricardo Santin, esse embargo já era esperado e é preocupante. “A União Europeia decidiu suspender a habilitação de 20 plantas exportadoras de carne de frango pela União Europeia, conforme informações divulgadas pela autoridade sanitária do bloco

econômico”, diz ele. Para o vice-presidente de mercado da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Ricardo Santin, a decisão não se ampara em riscos sanitários ou de saúde pública e trata-se de uma medida desproporcional diante das regras estabelecidas pelo Acordo de Medidas Sanitárias e Fitossanitárias da OMC. Segundo o executivo, essa foi uma decisão lamentável, baseada em puro protecionismo escondido. “A decisão, que é infundada, não se ampara em riscos sanitários ou de saúde pública. Trata-se de uma medida desproporcional e com critérios inconsistentes diante das regras estabelecidas pelo Acordo de Medidas Sanitárias e Fitossanitárias da Organização Mundial do Comércio (OMC)”, lamenta Santin. Ele informa, porém, que a questão não é recente e, por isto, há tempos a ABPA intencionava propor ao governo brasileiro um painel junto à OMC. “Nossos questionamentos se referem aos critérios determinados para os embarques de produtos salgados (com apenas 1,2% de sal adicionado), que são obrigados a realizar análises para mais de 2,6 mil tipos de salmonela”, explica Santin. “Para que se tenha uma

ideia, os produtos estritamente in natura (sem sal adicionado) são avaliados apenas pelos resultados das análises para dois tipos de salmonela.”Segundo o diretor Técnico da Sociedade Nacional de Agricultura (SNA, Brasília/ DF), José Milton Dallari, esse tipo de situação acontece periodicamente, porque as condições sanitárias exigidas pela União Europeia têm muita rigidez na avaliação das condições dos frangos oriundos do Brasil. “Vez ou outra eles acabam encontrando alguma salmonela ou outra coisa no produto brasileiro, o que acaba bloqueando os viveiros de maneira geral para que seja extinto esse tipo de doença”, afirma. “Esse tipo de embargo continuará acontecendo até que as entidades sanitárias brasileiras tomem uma providência e entrem em acordo sobre as condições exigidas pela UE, para que as importações voltem a acontecer.” De acordo com o diretor Técnico da SNA, José Milton Dallari, esse tipo de embargo continuará acontecendo até que as entidades sanitárias brasileiras tomem uma providência e entrem em acordo sobre as condições exigidas pela UE, para que as importações voltem a acontecer.

3596  

TRIBUNA DO VALE

3596  

TRIBUNA DO VALE

Advertisement