Page 1

6

Ceará em Brasília Jornal Casa do Ceará

www.casadoceara.org.br

DEVOLUÇÃO GARANTIDA

CORREIOS

Ano XXX - Ed. 330 de Dezembro de 2019

A Casa do Ceará realizou no último dia 30.01 a 7ª edição do Natal Feliz, com a participação de 1.500 pessoas. Leia mais na pág. 04

Diretora de promoção Social Maria Djanira Gonçalves, Superintendente Antônia Lúcia Guimarães, Sra Cleuza Mariano, Comendador Albery Mariano, Presidente José Sampaio de Lacerda Júnior, Sra Andreia Carusa.

Leia nesta edição Editorial, pág. 2 Expediente, pág. 2 Espaço Luciano Barreira, pág. 2 Conversando com o Leitor, pág. 2 Samburá - pág. 3 Casa do Ceará realizou no último dia 30/11 a 7ª edição do Natal Feliz, com a participação de 1.500 pessoas, pág. 4 Confraternização da Diretoria da Casa do Ceará, pág. 4 Confraternização da Confraria dos Cearenses, pág. 4 Casa do Ceará presente na sessão da Câmara dos Deputados que marcou os 50 anos da estátua do padre Cícero, de Juazeiro do Norte/CE, pág. 5 Anúncio do Uniceub, pág. 5 Leituras I - artigo de Sanzio de Azevedo, pág. 6 41 municípios no Ceará podem ser extintos em 2026 com PEC; Veja a lista, pág. 6 Proposta de fusão entre municípios feita pelo Governo foi enviada ao Congresso, pág. 6 Leituras II - artigo de Wilson Ibiapina, pág. 7 Posse de Novos Membros do Instituto do Ceará, pág. 7 Leituras III - artigo de Gonzaga Mota, pág. 8 Comemorações do trintenário da Escola Superior de Advocacia do Ceará é encerrado com entrega das comendas Roberto Martins Rodrigues e FESAC 30 anos, pág. 8 Leituras IV - artigo de JB Serra e Gurgel, pág. 9 Fortaleza (CE) e Belo Horizonte (MG) e entram na lista da Rede de Cidades Criativas da UNESCO, pág. 9 Anúncio do GDF, pág. 10 Anúncio de M Dias Branco, pág. 11 Leituras, V - artigo de Ayrton Rocha, pág. 12 Nacional Gás assume vice-liderança na distribuição de gás do País, pag;12 AL/CE debateu em Crateús limites territoriais entre Ceará e Piauí , pág. 12 Leituras VI - artigo de Narcélio Lima verde, pág. 13 Fortaleza será a maior beneficiada pelos repasses do pré-sal, pág. 13 Ceará foi o estado que mais investiu em 2018, afirma Fundação Getúlio Vargas, pág. 13 Leituras VII - artigo de Reginaldo Vasconcelos, pág. 14 GDF: Recuperados R$ 42 milhões para investir em 15 creches, pág. 14 Leituras VIII - artigo de Macário Batista, pág. 15 Operação da rede 5G ainda não tem data definida no Brasil, pág. 15 Ciesa concedeu título de Doutor Honoris Causa in memoriam ao Chanceler Edson Queiroz, pág. 16 Anúncio da Nacional Gás, pág. 16 Momentos Marcantes na vida do comendador Francisco Albery Mariano, pág. 17 Página da Mulher,artigo de Regina Stella, pág. 18 Seis municípios têm o melhor IDM do Ceará: Eusébio e Fortaleza lideram ranking, pág. 18 Lançado em Fortaleza o livro de Ana Rosania e Felipe de Almeida sobre a Genealogia das famílias de Acopiara, pág. 18 Leituras IX - Humor Negro e Branco Humor, pág. 19 Os Cearenses na Cozinha de Brasília, pág. 19 Ceia de Natal da Pousada Crisantho Moreira da Rocha na Casa do Ceará, pág. 20 Anúncio do Beach Park, pág. 20

Atendimento realizado na Odontoclínica

Equipe do Curso de Massagem

Manoel Macedo, Francisco Élcio, Sebastião Menezes, Agapito Cavalcante de Vasconcelos, Superintendente Antônia Lúcia Guimarães de Aguiar, Deputada Paula Belmonte Presidente José Sampaio de Lacerda Júnior, Sra Andreia Carusa.

Público presente.

Senadora Leila Barros recebe visita de diretores da Casa do Ceará em Brasília e reafirma apoio as ações da Casa.

No dia 25 de novembro o Vice-presidente João Estenio Campelo juntamente com os diretores João Rodrigues Neto e Maria Djanira Gonçalves, a Superintendente Antônia Lúcia Guimarães e o advogado Guilherme Campelo foram recebidos no gabinete da Senadora Leila Barros. Na ocasião a Senadora colocou seu gabinete a inteira disposição da Casa do Ceará e ressaltou, mais uma vez, seu carinho pela instituição que considera muito importante para a comunidade carente do Distrito Federal. Leila é filha de cearenses da cidade de Iguatu.

O sucesso do 7º Natal Feliz da Casa do Ceará: 1.500 pessoas presentes. Leia mais na pág. 20

Recreação Infantil oferecida pelo SESC

Papai Noel e mamãe Noel com presidente José Sampaio de Lacerda Júnior.

Diretor de obras Carlos Euler Currlin Perpétuo, fazendo entrega de bolsa do curso Design de Sobrancelhas.

Casa do Ceará presente na homenagem aos 50 anos da estatua do Padre Cícero. Leia mais na pág. 5

Equipe de estagiários da UDF.


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Edi t o r i a l

Deu na cabeça dos economistas que querem transformar o Brasil em Chile acabar com 1250 municípios brasileiros que tenham menos de cinco mil habitantes ou não arrecadem 19% do que gastam com pessoal. No Ceará, dos 184 municípios nenhum tem menos de cinco mil reais, Mas temos 41 que não arrecadam. A bem da verdade, os “chilenos” liderados pelo sr. Paulo Guedes não sabem arrecadar especialmente o que for de fonte. Toda a receita que e declaratória não é arrecadada. Assim acontece com os R$ 2,0 trilhões da dívida ativa, que é declaratória. Os chilenos resolveram perdoar 50% com o argumento de que os devedores não existem mais. Não significa que vão cobrar os outros 50%, Não vão. Voa esperar mais uns anos para reduzir 50% com o mesmo argumento. No caso das nossas prefeituras que vivem do FPM, Fundo de Participação dos Municípios, para que cobrar os concidadãos. O dinheiro do Fundo da para pagar a corja de prefeitos, vices prefeitos, vereadores, secretários municipais, filhas, filhos, sogras, genros, noras, cunhadas cunhados, todos que se locupletam com as sinecuras, Pelo ângulo da fuleiragem, tem que acabar mesmo. Pelo mandamento da moralidade publica, também. A decisão chega tarde, atrasada e com o pneu furado. Inácio de Almeida (Baturité), diretor responsável. Expediente

Fundada em 15 de outubro de 1963 Fundadores – Chrysantho Moreira da Rocha (Fortaleza) e Álvaro Lins Cavalcante (Pedra Branca) Conselho Consultivo: Gestão de 2019/2023: José Jézer de Oliveira (Crato), Geraldo Aguiar de Vasconcelos (Tianguá), Fernando César Mesquita (Fortaleza), João Vicente Feijão (Fortaleza), Osmar Alves de Melo (Iguatu), Vicente Landim de Macedo (Aurora), Francisco Alberi Mariano (Santana do Acaraú), Antônio Carlos Aguiar (Sobral), José Adirson de Vasconcelos (Santana de Acaraú), Élson Cascão (Araguari - MG), José Wilson Ibiapina (Ibiapina) Diretoria Presidente: José Sampaio de Lacerda Júnior (Fortaleza-CE), 1° Vice-Presidente: João Estenio Campelo Bezerra (Crateús-CE), 2º Vice-Presidente: Antônio Florêncio da Silva (Fortaleza), Diretor de Planejamento e Orçamento: José Aldemir Holanda (Baixio-CE), Diretor de Saúde: Francisco Machado da Silva (Pedra Branca-CE), Diretor de Saúde: Francisco Machado da Silva (Pedra Branca-CE), Diretor de Educação e Cultura: Edmilson Sobreira Caminha Júnior (Fortaleza-CE), Diretor de Comunicação Social: João Bosco Serra e Gurgel (Acopiara-CE), Diretora de Promoção Social: Maria Djanira Gonçalves (Aurora-CE), Diretor Jurídico: João Rodrigues Neto (Independência-CE),Diretor Administrativo Financeiro: Vicente Nunes Magalhães (Aurora-CE). Conselho Fiscal Presidente do Conselho Fiscal: Evandro Pedro Pinto (Fortaleza-CE), Membros Efetivos: José Alves de Melo (Iguatu-CE) e José Colombo de Sousa Filho (Fortaleza-CE), Membros Suplentes: Antônio Assunção Oliveira (Iguatu-CE), Antenor Fernandes Bezerra (Crateús-CE) e Cleuza Luiza Mariano (Patos de Minas Jornal da Casa do Ceará Fundador e Editor Emérito - Lúciano Barreira (Quixadá) Conselho Editorial Adyrson Vasconcellos (Santana do Acaraú), Ary Cunha (Fortaleza), Carlos Pontes (Nova Russas), Edmilson Caminha (Fortaleza), Egídio Serpa (Fortaleza), Frota Neto (Ipueiras) Geraldo Vasconcelos (Tianguá), Gervásio de Paula (Fortaleza), Haroldo Hollanda (Fortaleza), Jorge Cartaxo (Crato), J. Alcides (Juazeiro do Norte), José Jézer de Oliveira (Crato), Luís Joca (Fortaleza), Marcondes Sampaio (Uruburetama), Milano Lopes (Fortaleza), Narcélio Lima Verde (Fortaleza), Paulo Cabral Jr. (Fortaleza), Raimunda Ceará Serra Azul (Uruburetama), Roberto Aurélio Lustosa da Costa (Sobral) e Tarcisio Hollanda (Fortaleza). Diretor Inácio de Almeida (Baturité) Editores JB Serra e Gurgel (Acopiara) e Wilson Ibiapina (Ibiapina) serraegurgel@gmail.com / zewilsonibiapina@gmail.com Editoração Eletrônica: Vanessa Gonçalves Campos Distribuição: Antônia Lúcia Guimarães - Circulação: apoio da ANASPS O jornal não se responsabiliza por textos assinados. Banco de dados com apoio da ANASPS - Brasília – DF SGAN Quadra 910 Conjunto F - Asa Norte | Brasília-DF CEP 70.790-100 | Fone: 3533 3800 Email: casadoceará@casdoCeará.org.br / www.casadoceará.org.br

Dezembro/19

2

Espaço Lúciano Barreira

35T3 P3QU3N0 T3XT0 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R C0M0 N0554 C4B3Ç4 C0NS3GU3 F4Z3R C01545 1MPR35510N4ANT35! R3P4R3 N155O! N0 C0M3Ç0 35T4V4 M310 C0MPL1C4D0, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO 0 C0D1GO QU453 4UT0M4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1T0, C3RT0? P0D3 F1C4R B3M 0RGULH050 D1550! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3 P4R4B3NS POEMA PORNÔ SÉRIO!!! Que seja curto ou comprido. Que seja fino ou mais grosso. É um órgão muito querido, Por não ter espinhas nem osso. De incalculável valor, Ninguém tem um a mais, E desempenha no amor, Um dos papéis principais. Quando uma dama aparece, Ei-lo a pular com fervor, Se é novo, estremece. Se é velho, tem pouco vigor. O seu nome não é tão feio, Pois tem sete letrinhas só. Tem um R e um A no meio, Começa em C e acaba em O.

Nunca se encontra sozinho, Vive sempre acompanhado. Por outros dois orgãozinhos, Junto de si, lado a lado. O nome destes porém, Não gera confusões. Tem sete letras também, Tem U e acaba em ÕES. Prá acabar com o embalo. E com as más impressões, Os órgãos de que eu falo... São o” CORAÇÃO e os “PULM… Envelhecer é uma merda Quando você acha que já sabe de tudo ai começa a esquecer Antigamente se diz numa competição linguística em Lisboa a pergunta final foi a seguinte. - Como explicar a diferença entre completo e acabado. Eis a resposta vencedora Ao casar com a mulher certa você está completo. Ao casar com a mulher errada, você está acabado e, quando a mulher certa o apanha com a mulher errada, você está acabado por completo

Conversando com o Leitor + Recebemos a Revista Vernáculo, n 15 – Ano 2019, da Academia Cearense de Língua Portuguesa, que tem como presidente Sebastião Teoberto Mourão Landim, fundada e 28 de outubro de 1977 e que teve como primeiro presidente, Hélio de Sousa Mel com apresentação de José Myurson Melo Lima e que contém ensaios e artigos, contos, crônicas e poemas. No Conselho Editorial: Ítalo Gurgel, Maria Gorete Oliveira de Sousa e Sebastião Valdemir Mourão. # A última edição o Jornal da ANE, Associação Nacional Dos Escritores, dezembro de 2019 e janeiro de 2020, traz dois trabalhos de cearenses: um de Peixoto Jr.(Jardim), que foi presidente da ANE: dia Mundial do Idoso e de José Helder de Souza (Fortaleza): Heliotrópicos e referência a Pedro Jorge de Castro (Aurora) que na Quinta Literária de 17 de outubro de 2019, fez palestra em que apresentou e comentou passagens de três de seus filmes mais conhecidos, a saber, Tigipió, O Calor da Pele e O Sinal da Cruz. A experiência pioneira de cinema em nossa casa de escritores, com exibição de filmes, está documentada na foto ao lado, que registra o Presidente da ANE, Fábio de Sousa Coutinho, confraternizando com o ilustre palestrante daquela noite. # O Centro Cultural do Ceará-CCC realizou em 18.11 Sessão Solene, na sede social da Academia

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Cearense de Letras, no Palácio da Luz, que no passado serviu de sede ao Governo Estadual. A Presidente do CCC, Médica e intelectual Vanessa Gomes de Moraes e o Dr. Ernani Rocha Machado, ex-Presidente do CCC O Prof. Benedito Vasconcelos Mendes, fundador do Museu do Sertão, foi convidado para fazer parte da Mesa Diretora. O grande homenageado da noite foi o escritor Neuzemar Gomes de Moraes, Presidente da Academia Cearense de Retórica. # A Academia de Letras dos Municípios do Estado do Ceará-ALMECE entregou em 23.11, em Sessão Solene, na Casa Juvenal Galeno, em Fortaleza, o honroso e importante Diploma de Sócio Correspondente da Academia de Letras dos Municípios do Estado do Ceará-ALMECE ao prof. Benedito Vasconcelos Mendes (Sobral) criador do Museu do Sertão, de Mossoró/RN # O nosso site registrou 425.883 visitas acumuladas em novembro 2.943 usuários com 6.746 usuários, fomos visitados por estrangeiros de 10 países e 85 cidades brasileiras incluindo Brasília, Rio de Janeiro, Goiânia, Novo Gama, São Paulo, Valparaiso, Fortaleza, Águas Lindas. Cidade Ocidental, |Planaltina, Luziânia, Curitiba, Manaus, Belo Horizonte, Anápolis, Porto Alegre, Cristalina, Salvador. Não foi em 2019 que chegamos aos 500 mil acessos, mas seguimos em frente.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

SAMBURÁ - Avenida Beira Mar

Igor Queiroz Vi c e - p r e s i d e n t e da Adconce, Marcus Melo, entrega prêmio a Igor Queiroz Barroso pelo trabalho realizado à frente do Edifício Mansão Macedo. O empresário e presidente do Conselho de Administração do Grupo Edson Queiroz, Igor Queiroz Barroso, recebeu, na noite de ontem, pela segunda vez consecutiva, o prêmio de melhor síndico residencial. O reconhecimento veio pelo trabalho de administração à frente do Edifício Mansão Macedo Condominium e foi concedido pela Associação das Administradoras e Condomínios do Estado do Ceará (Adconce). Foto: Camila Lima

Hapvida Com a aquisição de 15% da carteira total de clientes da operadora de planos de saúde Agemed, que correspondem a cerca de 12 mil vidas, a Hapvida ampliará sua participação na região Sul do País, dando continuidade ao agressivo plano de expansão da companhia no mercado nacional. A transação, cujo valor fixado inicialmente foi de cerca de R$ 19 milhões, foi anunciada na última segunda-feira (18). Consolidada como a maior operadora do Norte e Nordeste, e terceira maior do País, com 2,4 milhões de beneficiários, a expectativa é que a empresa comece a focar no mercado externo. Visitas do Presidente. O presidente da Casa do Ceará José Sampaio de Lacerda Júnior, juntamente com o diretor de obras Carlos Euler e da superintendente Antônia Guimarães visitaram os gabinetes do deputados distritais Chico Vigilante e Jorge Viana que se comprometeram em destinar R$ 50.000,00, cada, para a Pousada dos Idosos. Estiveram também no gabinete do deputado federal pelo Ceará Roberto Pessoa que se colocou a disposição para apoiar as atividades da entidade. M. Dias Branco A M. Dias Branco, empresa brasileira de capital aberto líder nos mercados de massas e biscoitos, participou da feira PMLA (Private Label Trade Show) 2019 e apresentou ao público norte-americano sua vasta linha de produtos. A empresa cearense já exporta seus produtos para mais de 30 países em todos os continentes, sempre com o objetivo de fortalecer sua atuação internacional. Neste ano, o PMLA Trade Show contou com a participação de cerca de 1.500 empresas de mais de 40 países De acordo com dados auditados pela Nielsen, é um mercado que movimenta cerca de US$ 129 bilhões em vendas do varejo.

Ceará em Brasília

Juiz Francisco Lúciano Lima Rodrigues O titular da 8ª Vara da Fazenda Pública de Fortaleza, juiz Francisco Lúciano Lima Rodrigues, foi empossado como desembargador do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). O novo integrante da Corte foi saudado pelo desembargador Antônio Abelardo Benevides Moraes, presidente da 3ª Câmara de Direito Público. O juiz Lúciano Lima foi o primeiro colocado da lista tríplice eleita na sessão do Tribunal realizada no último dia 24 de outubro, pelo critério de merecimento. Nove juízes participaram da eleição. O magistrado já havia atuado como juiz convocado para atuar nos julgamentos das Câmaras do Tribunal, e exercido o cargo de Juiz Auxiliar da Presidência do TJCE. Marquise O Sindicato da Indústria da Construção Civil do Ceará (Sinduscon-CE) anunciou, que o Programa Ecocidadão, do Grupo Marquise, é o grande vencedor do Prêmio da Construção 2019, na categoria Responsabilidade Social, pela sua contribuição positiva em disseminar os cuidados com o Meio Ambiente. A entrega do prêmio foi em 29.11 em solenidade no La Maison. O programa Ecocidadão realiza um trabalho contínuo de educação ambiental. Em parceria direta com lideranças de bairro, são desenvolvidas soluções técnicas e operacionais que melhoram o dia a dia da população.

Novo bispo O Papa Francisco cria a prelazia de Alto Xingu-Tucumã no Pará e nomeia novo bispo. O nomeado foi o padre Jesús María López, atualmente presbítero na paróquia de São Pedro, em Barra do Ceará, na arquidiocese de Fortaleza. Waldir Diogo A CNI agraciou o empresario Waldir Diogo com a Medalha do Mérito Industrial, entregue pelo presidente Ricardo Cavalcante, da Federação das Indústrias do Ceará. O Centro Cultural do Ceará-CCC O Centro Cultural do Ceará-CCC realizou em 18.11 Sessão Solene., na sede social da Academia Cearense de Letras, no Palácio da Luz, que no passado serviu de sede ao Governo Estadual. A Presidente do CCC, Médica e intelectual Vanessa Gomes de Moraes e o Dr. Ernani Rocha Machado, ex-Presidente do CCC O Prof. Benedito Vasconcelos Mendes, fundador do Museu do Sertão, foi convidado para fazer parte da Mesa Diretora. O grande homenageado da noite foi o escritor Neuzemar Gomes de Moraes, Presidente da Academia Cearense de Retórica.

General Theóphilo O Ceará passou a ter dois generais de Exercito na ativa do Exercito: o general Estevam Cals Theophilo Gaspar de Oliveira (Fortaleza), que vai para o Comando Militar da Amazonia e General de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira (Iguatu) que é o Comandante Militar do Norte (Belém). O general Estevam é filho do general Manoel Theophilo Gaspar de Oliveira Neto, irmão do general de Exercito Tácito Theophilo Gaspar de Oliveira, passa a ser o 3 general de Exercito da família Gaspar de Oliveira. Vários de irmãos se dedicaram-se ao Exército Brasileiro. O Cel Henrique César Cals Theophilo Gaspar de Oliveira serviu por duas vezes em Brasília;. O Gen Bda Manoel Theophilo Gaspar de Oliveira serviu na capital federal no período de agosto de 2000 a março de 2002. Cel José Theophilo Gaspar de Oliveira serviu por duas vezes de janeiro de 1990 a dezembro de ... O Gen D Exe Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira serviu por um período de janeiro 2003 a março de 2007 no Departamento Geral de Pessoal (DGP) e no Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI) O Cel Alexandre Cals Theophilo Gaspar de Oliveira de janeiro de 2004 a dezembro de 2005 no Comando de Operações Terrestre (COTER) e de janeiro de 2007 a outubro de 2008 no Centro de Estudos Estratégicos do Estado-Maior do Exército. O General-de-Brigada Estevam Cals Theophilo Gaspar de Oliveira serviu por cinco vezes vezes em Brasília, a primeira no período de março de 2002 a dezembro de 2003 no Comando de Operações Terrestre, a segunda no período de janeiro de 2009 a dezembro de 2009 no Estado-Maior do Exército e a terceira que iniciou em janeiro de 2011, também, no EME. Oriundo da Arma de Artilharia Turma de 1983 da Academia Militar das Agulhas Negras). O general de Exército Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira hoje, em Brasília, que foi candidato ao Governo do Ceará, é o Secretario Nacional de Segurança Pública, do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Aquífero Julião O Jornal A PRAÇA, de Iguatu, publica texto sobre o Aquífero Julião, considerado a salvação do abastecimento d´água de Iguatu e que tanto empolga o nosso ex presidente Osmar Alves de Melo. Quatro poços perfurados o Aquífero Julião tiveram vazão de 100 a 230 mililitros de água por hora. Com os novos poços, chegará a 350 metros cúbicos por hora para um consumo de 700 mil litros por hora. A água do Trussu já não abastece Iguatu ficando para Acopiara.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

3

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

A Casa do Ceará realizou no último dia 30.11 a 7ª edição do Natal Feliz, com a participação de 1.500 pessoas

Equipe de voluntários

Presidente da Casa do Ceará, José Sampaio de Lacerda Júnior fazendo a doação da 1° cesta básica do 7° Natal Feliz.

A 7ª Edição do Natal Feliz, do calendário de eventos da Casa do Ceará em Brasília, reuniu em 30/11 em suas dependências mais de 1.500, as famílias carentes receberam cestas básicas e brinquedos para crianças efetivando-se prestação de serviços gratuitos na área de saúde com otorrino, ginecologia, oftalmologia, neurologia, pediatria, psicologia, acupuntura, atendimento odontológico com aplicação de flúor, canal, extração e restauração. Foram distribuídas 328 cestas básicas e 400 brinquedos, além de lanche, almoço e algodão doce. Mais uma vez a Casa do Ceará contou com a parceria do SESC/DF, Associação dos Filhos e Amigos de Aurora-AFA e Associação dos que Querem Bem a Sobral e ao DF AQQB. Nas tendas montadas pelo SESC havia atendimentos dos alunos dos cursos de cabeleireiro, massagem e design de sobrancelhas. A equipe de profissionais da Casa do Ceara, composta de enfermeira, técnicas de enfermagem e nutricionista se juntaram a equipe da Drogaria Messias e do Vital Laboratório e cuidaram da triagem com aferição de pressão e glicemia com orientação nutricional e dicas de alimentação saudável para pessoas hipertensas e diabéticas. A criançada se divertiu nos brinquedos infláveis montados pelo SES/DF, jogos de totó, xadrez gigante

e pula-pula. A Universidade Centro Cruzeiro do Sul (UDF) participou do evento com os alunos do curso de odontologia, sob a coordenação da dentista da Casa e professora da UDF Caroline Piske, dando orientação de saúde bucal e palestras para a criançada. O escritório Keyn Advogados Associados disponibilizou 5 advogados para prestar assessoria jurídica. A Fundação Regional de Assistência Social participou com um grupo de 5 profissionais de oftalmologia que atenderam todos que precisavam de atendimento oftalmológico. O presidente da Casa do Ceara José Sampaio de Lacerda Júnior destacou a importância do evento que beneficia inúmeras famílias carentes lhes proporcionando um Natal melhor e agradeceu o valioso apoio do SESC, na pessoa do presidente da Fecomércio, Francisco Maia, as Associações parceiras AQQB e AFA e a colaboração de todos os voluntários que se colocaram à disposição da instituição doando seu trabalho para ajudar a quem mais precisa. Passou pelo evento a deputada federal Paula Belmonte que ficou impressionada com a quantidade de pessoas que estavam sendo atendidas, destacando mais uma vez, “o excelente trabalho da Casa do Ceará”. Estiveram presentes o presidente da Casa José Sampaio de Lacerda Júnior e sua esposa Andreia Carusa,

Confraternização da Diretoria da Casa do Ceará A Diretoria da Casa do Ceará fez uma reunião de Confraternização no Clube as Nações, reunindo o presidente José Sampaio de Lacerda Júnior (Fortaleza), os ex presidentes Osmar Alves de Melo (Iguatu), Fernando César Mesquita (Fortaleza) e José Jezer de Oliveira (Crato). Na oportunidade, foi celebrado o aniversário de Fernando César Mesquita. José Sampaio de Lacerda Jr. agradeceu a presença de todos, com votos de Feliz Natal e Feliz 2020 com familiares, ressaltando que a Casa do Ceará, por seu espirito agregador, agradece a colaboração os diretores, que dão sua colaboração voluntária para a continuidade e o progresso da instituição criada por um grupo de cea-

Dezembro//19

4

renses, à frente os ex deputados Crisantho Moreira da Rocha e Alvaro Lins. Do grupo fundador, Fernando César Mesquita é o único sobre-

vivente. Participaram os diretores João Estênio Campelo Bezerra (Crateús) e seu filho Guilherme Campelo Bezerra (Brasília), Antônio Florêncio (Fortaleza), Vicente Magalhães (Aurora), J.B. Serra e Gurgel (Acopiara) Francisco Machado da Silva (Pedra Branca), João Rodrigues Neto (Independência), Euler Curlin Perpétuo (Joinville/SC), Edmilson Caminha (Fortaleza) e Maria Djanira Gonçalves (Aurora) e a Superintendente da Casa. Antônia Lúcia Guimarães (Riachinho-MG).

Presidente José Sampaio de Lacerda Júnior, Colaborador da Drogaria Messias, Pedro Ximenes, Agapito Vasconcelos, Eulady Aguiar, Carlos Aguiar, Francisco Messias Vasconcelos, 2º Vice-Presidente: Antônio Florêncio da Silva.

o 2º vice-presidente General Antônio Florêncio e sua esposa Célia Florêncio, o diretor de obras Carlos Euler, o diretor administrativo-financeiro Vicente Magalhães, a diretora de promoção social Maria Djanira, o diretor de planejamento e orçamento José Aldemir Holanda e sua esposa Rosa Helena, o presidente da AQQB, Agapito Vasconcelos, o presidente da AFA Manoel Macedo e os presidentes de honra da AQQB Antônio Carlos Aguiar e Euladir Aguiar, Os conselheiros Albery Mariano e Cleuza Mariano. O evento teve a coordenação geral da superintendente da Casa, Antônia Guimarães e da Assistente Social Ivete Simonette e o apoio de toda a equipe de colaboradores. O 7º Natal Feliz contou com o apoio dos diretores da Casa, José Sampaio de Lacerda Júnior João Estenio Campelo Bezerra, Antônio Florêncio da Silva, Edmilson Caminha, José Aldemir Holanda, J.B. Serra e Gurgel, Maria Djanira, Vicente Magalhães e João Rodrigues Neto. Contou ainda com o apoio de Osmar Alves de Melo, da Só Reparos, José Anchieta, Antônio Assunção, AFA, AQQB, José Maria Tormin, Roberto Aguiar, Nova Amazonas, Edison Filgueira, Sindsuper, Fermatec, Inovatis Cartuchos, Alipan, Natural Carnes e do conselheiro Albery Mariano.

Confraternização da Confraria O 61º Almoço da Confraria dos Cearenses de Brasília e da Casa do Ceará em Brasília foi realizado na Galeteria Beira Lago em 13.12, com as presenças dos presidentes da Confraria, Geraldo Vasconcelos (Tianguá) e da Casa do Ceará. José Sampaio de Lacerda Júnior (Fortaleza). Participaram do encontro que destaca a presença dos cearenses em Brasília o ex presidente da Casa do Ceará e fundador da Casa e da Confraria, Fernando César Mesquita (Fortaleza), o outro fundador da Confraria, Wilson Ibiapina (Ibiapina) os atuais vices presidentes da Confraria, ministro Valmir Campelo Bezerra (Crateús) e procurador Roberto Gurgel Monteiro dos Santos (Fortaleza). Também presentes os advogados João Estênio Campelo Bezerra (Crateús) e seu

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

filho Guilherme Campelo (Brasília), João Rodrigues Neto (Independência), médico Francisco Machado da Silva (Pedra Branca). ministro Luis Cláudio Santos (Picos/PI), jornalistas JB Serra e Gurgel (Acopiara). Marcondes Sampaio (Uruburetama) e empresário Antonio Carlos Aguiar (Sobral) presidente de honra da AQQB/DF. Justificaram suas ausências o ministro José Coelho (Novo Oriente), o ex deputado Danilo Forte e o jornalista Inácio de Almeida (Fortaleza). A Confraria dos Cearenses em Brasília é uma instituição informal que opera na linha auxiliar da Casa do Ceará em Brasília, apoiando e participando de seus eventos, visando a consolidação dos princípios da cearensidade que fundamentam o patrimônio comum.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Casa do Ceará presente na sessão da Câmara dos Deputados que marcou os 50 anos da estátua do padre Cícero, de Juazeiro do Norte/CE Os 50 anos de construção da Nossa Senhora da Medalha Milaestátua do padre Cícero Romão grosa, Asa Sul - 910, para a Casa Batista, no Horto, em Juazeiro do do Ceará a estátua do Padre Cícero Norte, no Cariri/CE, foram feste- que lá está e que nos foi oferecida jados em sespara sermos são solene na os guardiões Câmara dos da memória Deputados, daquele saem 21,11, em cerdote tão sessão presiadmirado dida pelo depelos roputado Pedro meiros, os Augusto to nordestinos Jaqueline Sampaio filha do Ex. Prefeito de Juazeiro do Norte, Bezerra PTB/ Sr. Mauro Sampaio idealizador e executor da Estátua do Pae o povo do dre Cícero, Deputado Estadual Fernando Santana, Deputado CE que fez a Federal Roberto Pessoa, Deputado Federal Pedro Augusto Cariri e do Pessoa, Prefeito de Juazeiro do Norte Arnon Bezerra, Prec o n v o c a ç ã o sidente Ceará” da Casa do Ceará José Sampaio de Lacerda Júnior, Chefe de Gabinete do Prefeito de Juazeiro do Norte. e que contou Lembrou com as prea identidade senças dos da Casa do deputados Ceará com federais Rotudo que diz berto Pessoa respeito ao PSDB/CE, Ceará, incluCélio Studart sive com o PV/CE e AnPadre Cícedré Figueirero, recordou Homenagem aos Cinquenta anos da Estátua do Padre Cícero Romão Batista. do PDT/CE, as tentativas deputado estadual Fernando Santa- de construção da estátua do pana, o prefeito dre Cícero, de Juazeiro no Horto, em Norte, ArJuazeiro do non Bezerra, Norte,”Não o presidente há como se da Casa do negar a forCeará em ça do padre Brasília, José Cícero no Sessão solene em Homenagem aos Cinquenta anos da Sampaio de Nordeste, Construção da Estátua do Padre Cícero Romão Batista. Lacerda Júe no Cariri, nior, a sra. Jacqueline Sampaio, em Juazeiro do Norte e no Ceará. filha do ex prefeito de Juazeiro Ressaltamos não apenas o turismo do Norte, Mauro Sampaio que religioso, com as romarias, que construiu a estátua, os jornalistas dobram os 300 mil habitantes de Huberto Cabral e Antônio Vicelmo, Juazeiro do Norte, mas principaldo Crato. mente, a fé católica dos brasileiros No seu pronunciamento, José e dos cristãos que reconhecem no Sampaio de Lacerda Júnior, lem- Padre Cícero e nos milagres que brou que “Na nossa sede social, lhe são atribuídos a sua presença 910 Norte, há uma homenagem ao entre milhões de nordestinos, que Padre Cícero, escultura de um dos ainda não contam com ele como nossos mestres, Zé Pinto” e confir- Santo reconhecido pela Igreja, mou que “estamos avaliando a pos- mas o Santo adorado e festejado sibilidade de trazermos da paróquia pelo povo”.

Ceará em Brasília

NOSSO EAD TEM NOTA MÁXIMA NO RECREDENCIAMENTO DO MEC. Expandimos as fronteiras do conhecimento e conquistamos nota máxima na avaliação do MEC.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

5

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras I

Valha-me Deus!!!

Pápi Júnior e Naturalismo

41 municípios no Ceará podem ser extintos em 2026 com PEC

Sânzio de Azevedo (*) Nasceu no Rio de Janeiro o escritor Pápi Júnior (1854-1934), e faleceu em Fortaleza. É considerado cearense por sua obra ter sido, em sua maioria, escrita aqui. Foi poeta, contista e teatrólogo, mas destacou-se mesmo como romancista, autor d’O Simas, com que estreou em 1898. Esse livro enquadra-se no Realismo-Naturalismo, mais precisamente no Naturalismo de Zola. O personagem central é um sedutor sem escrúpulos, um aventureiro de aparência simpática mas de baixa extração moral. É clara a influência do mestre que a todos empolgava na época: Eça de Queiroz, bem como a identidade entre o romance cearense e O Primo Basílio, do escritor português, o que já foi assinalado por Nestor Vítor em uma conferência de 1915. Como no romance eciano, o personagem que dá título ao livro é o que seria o vilão numa narrativa romântica: é o tipo do janota ou almofadinha. Quando a jovem viúva do Bernardes, Luísa, o conheceu, ele trajava com “um aprumo elegantíssimo, empertigado no costume de casimira cinzenta talhado à inglesa. Era louro, usava retorcidas as pontas do bigode, usava os cabelos quase a escovinha; tinha os lábios grossos, o rosto vermelhaço, salpicado levemente de sardas”. Um herói romântico jamais seria “vermelhaço” (vocábulo de conotação pejorativa), nem teria sardas. É o caso de dizer que pelo menos nisso o naturalismo de Pápi Júnior suplantou o do Eça, na pintura do Basílio! Autêntico crápula, o fato de Luísa já ser viúva quando se conheceram e o arroubo com que ela o amava não lhe despertaram o menor desejo de legitimar suas ligações e não ser quando, à beira da falência, chegou a vislumbrar a viúva como sua última salvação. Luísa, que por sinal tem o mesmo nome da personagem d’O Primo Basílio, havia sido seduzida aos quinze anos de idade, quando perdera o pai, e engravidara. Um dia, vem ela a saber que o velho inescrupuloso que a infelicitara era pai do Simas. Isso, que pareceria levar o romance para o terreno dos dramalhões românticos, vem a ser justamente um dado caro aos seguidores do Naturalismo, o determinismo genético: o jovem janota é um canalha por haver herdado o péssimo caráter de um canalha. Quanto a Luísa, seu temperamento vem de sua formação, uma tese do Realismo: a ociosidade e a educação frívola e romântica são as causas do adultério, já que os personagens idealizados de suas leituras faziam com que as jovens vivessem em um clima de irrealidade. E a viúva lia Walter Scott e chorava pensando n’A Dama das Camélias. Diga-se de passagem que, antes de Eça, Emma Rouault, em Madame Bovary, vivia lendo o mesmo Walter Scott e sonhando viver em um castelo medieval. Pápi Júnior não foi estudado n’O Romance Cearense (1953) de Abelardo F. Montenegro. O mais grave, porém, é O Simas não haver sido sequer citado por José Ramos Tinhorão, no livro A Província e o Naturalismo (1966), em que a Província é o Ceará, e são mencionados os nomes e as obras de Rodolfo Teófilo, Oliveira Paiva, Adolfo Caminha e outros. Sempre falei do parentesco do livro cearense com O Primo Basílio. Mas posteriormente cheguei à conclusão de que há influência de outro romance de Eça no capítulo VI, quando a velha Felismina vê de madrugada a viúva de seu filho voltar de um encontro com o Simas, o que lembra n’Os Maias o velho Afonso vendo que seu neto Carlos vem de um encontro com Maria Eduarda, que ele já sabia ser sua irmã. Pápi Júnior publicou outros romances, como Gêmeos (1914), Sem Crime (1920), A Casa dos Azulejos (1927) e Almas Excêntricas (1931). O segundo citado é um belo romance, mas seu livro mais bem construído é mesmo O Simas, com que estreou aos 44 anos de idade. (*) Sânzio de Azevedo (Fortaleza), Doutor em Letras pela UFRJ, da Academia Cearense de Letras e da Academia de Letras do Brasil (DF).

Dezembro/19

6

Veja a lista Proposta de fusão entre municípios feita pelo Governo foi enviada ao Congresso A nova reforma econômica e administrativa do Governo Federal, entregue na manhã desta terça-feira (05/11) para tramitação no Congresso Nacional, prevê fusão de municípios e deixou em polvorosa 41 prefeitos cearenses. A proposta consta na Proposta de Emenda à Constituição do Pacto Federativo. Segundo a PEC do Pacto Federativo, municípios com menos de 5 mil habitantes e arrecadação menor que 10% da receita total deverão ser incorporados pelo município vizinho. Pela reforma, municípios que estiveram melhor nas contas absorvem os piores até o limite de três. A reforma não afetará o calendário eleitoral em 2020. Caso aprovada, por deputados e senadores, a extinção de municípios será feita só a partir de 2026. O projeto, elaborado pelo Ministério da Economia, sugere que a medida promoverá o fortalecimento da federação e maior autonomia para gestão de recursos. Para o ministro Paulo Guedes, a proliferação de municípios criou desequilíbrios. “Do ponto de vista fiscal, municípios não podem ser grandes ou pequenos demais”, disse. Segundo Waldery Rodrigues, secretário especial de Fazenda, 1.254 municípios se encaixam nessas condições hoje e seriam incorporados a cidades vizinhas a partir de 2026. O número representa 22,5% do total de municípios brasileiros (5.570), de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) — quase um em cada quatro municípios. No Ceará, segundo os critérios da PEC do Pacto Federativo, 41 municípios podem ser extintos. Veja a lista dos 41 municípios com arrecadação própria abaixo de 1%: • • • • • • • • • • • • • • • •

1 – Aratuba 0,24% 2 – Porteiras 0,24% 3 – Reriutaba 0,25% 4 – Paramoti 0,38% 5 – Barroquinha 0,40% 6 – Catunda 0,40% 7 – Granjeiro 0,45% 8 – Chaval 0,48% 9 – Tururu 0,49% 10 – Ererê 0,55% 11 – Itapiúna 0,55% 12 – Senador Sá 0,56% 13 – Umari 0,56% 14 – Apuiarés 0,57% 15 – Martinópole 0,65% 16 – Capistrano 0,69%

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

17 – Potengi 0,69% 18 – Altaneira 0,71% 19 – Baixio 0,72% 20 – Choro 0,72% 21 – Barro 0,74% 22 – Massapê 0,74% 23 – Miraíma 0,75% 24 – Salitre 0,75% 25 – Palmácia 0,77% 26 – Umirim 0,77% 27 – Jardim 0,80% 28 – Pacujá 0,80% 29 – Santana Do Cariri 0,81% 30 – Ararendá 0,84% 31 – Barreira 0,84% 32 – Mulungu 0,85% 33 – Acarape 0,86% 34 – Caririacu 0,87% 35 – Graça 0,87% 36 – Quixelô 0,88% 37 – Jaguaretama 0,89% 38 – Croatá 0,91% 39 – Itaicaba 0,93% 40 – Guaiúba 0,95% 41 – Monsenhor Tabosa 0,95% Segundo a última auditoria do Tribunal de Contas do Estado do Ceará, TCE-CE, realizada em 2017, 41 municípios do Ceará arrecadam menos de 1% das despesas totais do ano. O estudo foi realizado pelo corpo técnico do TCE-CE e durou cerca de um ano para ser concluído. Foram considerados como receita própria: impostos sobre a 1) Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU); sobre a 2) Transmissão de Bens Imóveis (ITBI); 3) sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN); e as contribuições de melhoria de competências municipais. Segundo o estudo do TCE-CE, 10 municípios do Ceará concentram 84,6% da receita própria arrecadada por todas as prefeituras cearenses: Fortaleza, São Gonçalo do Amarante, Aquiraz, Eusébio, Caucaia, Juazeiro do Norte, Maracanaú, Sobral, Brejo Santo e Iguatu, juntos, somam R$ 1,5 bilhão em receita própria arrecadada. No somatório de todos os 184 municípios, o valor é de R$ 1,8 bilhão. O projeto ainda prevê a proibição da tomada de empréstimo para o pagamento de despesas correntes, como salários e conta de energia. Também fica proibido o uso de fundos de pensão e depósitos judiciais de ações entre particulares para despesas de estados e municípios. Com informações Ceará em off

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras II

Fotógrafos cearenses que estão na história

Wilson Ibiapina (*) Um dos primeiros foi Ademar Bezerra de Albuquerque, que nasceu em Fortaleza em 1892, foi um dos pioneiros da fotografia e da cinematografia no Ceará, tendo fundado em 1934 a ABA FILM. Ademar Bezerra Albuquerque. Aposentou-se em 1948, depois de quarenta anos de trabalho no Bank of London. Foi morar em Belo Horizonte, onde fundou o Studio Albuquerque. Em 1959 transferiu-se para o Rio de Janeiro, onde continuou com seu “hobby” preferido, a fotografia, dedicandose também a pintura. Ele entrou para a história quando emprestou câmaras e orientou o secretário do Padre Cícero, o sírio/libanês Benjamin Abrahão Botto, a fotografar Lampião e seu bando. Os cinco filhos homens de Ademar enveredaram pela fotografia. O mais famoso foi o Chico Albuquerque, um dos pioneiros da fotografia de publicidade no Brasil. Ele fotografou a primeira campanha publicitária ilustrada por um brasileiro, em 1949, para a empresa Johnson & Johnson de São Paulo. Outro cearense que se destacou nessa área foi Luis Carlos Barreto. Cearense de Sobral, vive desde 1947 no Rio, onde tornouse um dos maiores produtores cinematográficos do Brasil. Como jornalista profissional, foi repórter e fotógrafo da Revista “O Cruzeiro” nos anos 50 até 1963, tendo sido correspondente dessa revista na Europa, durante os anos de 1953 e 1954. Por falar no Cruzeiro, outro que fez nome e criou fama como fotógrafo da revista foi Indalécio Wanderley, que morreu em 2001. Fez coberturas de memoráveis acontecimentos nacionais e internacionais para a revista O CRUZEIRO. Adorava o que fazia e levava uma vida muito agitada, por conta da sua profissão. Certo dia, o jornalista José Alberto Gueiros perguntou a Indalécio: “Quando vais posar? Quando serás o fotografado e não o fotógrafo? Quando vai a tua mão servir para aliança e não apenas para disparar a objetiva? Apressado, Indalécio respondeu que nunca se casaria, pois não tinha tempo. Quis o destino que ele casasse com uma miss. Foi o brasileiro que mais fotografou concursos de misses. Em 1955, com a sua máquina fotográfica “Leica”, lente 1:5, Indalécio Wanderley foi ao Quitandinha, fotografar umas garotas

que iam disputar o título de Miss Clube Militar. José Alberto Gueiros,escreveu em O Cruzeiro, de 05/05/1956: “O sorriso que atraiu não apenas o olho profissional de Indalécio – que é a lente 1:5 da sua “Leica” – mas também a alma do cearense romântico ainda sem Iracema, de lenda ou de verdade. Elenice Barreto era a dona do sorriso. Pois fiquem certos de que o nosso caro Wanderley capitulou nos primeiros dez minutos. Ela foi eleita Miss Clube Militar, saiu nos jornais, nas revistas e não saiu do coração do repórter. Muita gente passa diariamente pela avenida Lúciano Carneiro, em Fortaleza. Poucos sabem que o fortalezense José Lúciano Carneiro Mota era fotojornalista que foi correspondente de guerra, paraquedista e piloto. Ficou famoso à época por reconstruir o olhar através da câmera. Alfredo Ribeiro escreveu que Lúciano trouxera à revista O Cruzeiro, um ar mais humano em suas fotos que vinham acompanhadas de texto, sendo comparado até a Cartier-Bresson e Robert Capa, fotógrafos famosos por esse estilo. Algumas de suas matérias publicas na revista são sobre a Guerra das Coreias e a seca no município de Orós, em Iguatu, com o título “O Drama de Orós”, de 1949. Lúciano Carneiro morreu aos 33 anos a bordo de um avião de carreira da Vasp. O Viscount, quando se preparava para descer no Rio foi abatido em procedimento de pouso após colisão a 500 metros de altitude com um Fokker S11 da FAB em missão de treinamento. Lúciano voltava da cobertura de um baile de debutantes – o primeiro de Brasília realizado antes mesmo da inauguração da capital federal. Arrepia a qualquer um ainda hoje ver a edição de O Cruzeiro de ]16 de janeiro de 1960: A revista conseguiu recuperar os rolos de filmes do último trabalho de Lúciano Carneiro e publicou as imagens chamuscadas do baile de debutantes de Brasília. A reportagem sem títulos ou legendas foi publicada na edição de 16 de janeiro de 1960. Uma nota da revista, informava que em condições normais de fechamento, o texto e as legendas “seriam por êle redigidos quando chegasse à Redação”. Na praça do Ferreira, ao lado do Pega Pinto do Mundico,

perto da farmácia Oswaldo Cruz, ficava o Foto Sales. Fundado em 7 de setembro de 1922 por Tertuliano Sales, tinha como fotografo principal Francisco Sales Correia – Salim fazia cobertura das inaugurações e das viagens dos governadores do Ceará. Produzia álbuns de aniversários e casamentos fotografados por ele Um fotografo que fez sucesso no Ceará foi Leocácio Ferreira. Paraibano de nascimento, em 1953 inventou uma câmara panorâmica com abrangencia de 180 graus. Batizou a câmara de JanePan, uma homenagem à filha Jane. Leocácio registrou a inauguração de Brasília. Tem cópia na Casa do Ceará em Brasília. E um cearense que brilhou na Capital do país, trabalhando para jornais do Rio e São Paulo, é o Luís Alencar Monteiro. Anos depois, trocou a câmara fotográfica por um trator, foi ser fazendeiro perto de Brazlândia uma das cidades satélites do Distrito Federal. E para terminar um lance que aconteceu em Fortaleza antes da televisão chegar ao Ceará. O jornalista Francisco Alves Maia estava de plantão, num sábado, na redação da Tribuna do Ceará. Noite de Fortaleza x Ceará no estádio Presidente Vargas. Chico Alves combina com o fotógrafo Gumercindo Gomes: - vou ouvir o jogo pelo rádio, deixo o texto pronto com espaço para a sua foto. Ceará um a zero. Festa na cidade. Gumercindo chega à redação e vai conversar. Chico, já nervoso, apela: Gumercindo, revela logo a foto do gol, vamos fechar. Gumercindo, tranquilo avisa que não pegou o gol. Chico vai ao desespero: - como, o único gol da partida você perde? Que diabo você estava fazendo lá? - Chico, o goleiro que estava lá pago para pegar o gol não pegou, tu queria que em pegasse Fotos dos melhores profissionais do país podem ser vistas no Museu da Fotografia, em Fortaleza. Construido pelo casal Sílvio e Paula Frota, o museu abriga um dos maiores acervos de fotografias do Brasil São mais de duas mil peças incluindo nomes históricos, como Steve McCurry, Henri Cartier-Bresson e Marcel Gautherot, que dividem espaço com outros artistas de destaque na produção contemporânea – entre eles, André Liohn, Claudia Andujar, Rosângela Rennó, Evandro Teixeira, Orlando Brito e Sebastião Salgado,entre outros. (*) Wilson Ibiapina (Ibiapina) jornalista, cronista, diretor do Sistema Verdes Mares, em Brasília.

Posse de novos membros do Instituto do Ceará

Em 29.10, o General Júlio Lima Verde Campos de Oliveira, antigo Comandante da 10ª Região Militar, e o advogado Neuzemar Gomes de Moraes, Presidente da Academia Cearense de Retórica, tomaram posse no quadro societário do Instituto do Ceará – Histórico, Geográfico e Antropológico

O Instituto do Ceará é a mais antiga instituição de cultura do Ceará, chamada “A Casa do Barão de Studart”, o principal repositório de dados documentados do Estado, atualmente sob a presidência do médico Lúcio Gonçalo de Alcântara – ex-Prefeito de Fortaleza, ex-Senador da República, ex-Governador do Estado, imortal da Academia Cearense de Letras (ACL), a mais antiga do Brasil. Dr. Lúcio é ainda Membro Benemérito da Academia Cearense de Literatura e Jornalismo (ACLJ).

A saudação aos novos integrantes do Instituto do Ceará ficou a cargo do seu ex-presidente, o bibliófilo José Augusto Bezerra, Presidente Emérito da ACL, pela brilhante gestão que realizou em mandato exercido no passado – também Benemérito da ACLJ – que fez uma rápida, mas completa e brilhante descrição histórica da vida e dos méritos dos dois neófitos da entidade. Seguiu-se à solenidade de posse um lauto coquetel.

Ceará em Brasília

A ACLJ, saudada na ocasião pela presidência da Mesa Diretiva, estava representada pelos seus Beneméritos, Lúcio Alcântara e José Augusto Bezerra, e pelo seu Presidente Reginaldo Vasconcelos – na imagem, com as Cadins Graça Leandro e Jô Nogueira. Com Reginaldo Vasconcelos, da ACJL

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

7

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras III

Para onde vamos?

Por Gonzaga Mota (*) Atualmente, no mundo, sem querermos ser pessimistas, fatores como a globalização perversa; a busca do poder pelo poder, não respeitando os princípios éticos; o fundamentalismo religioso; o corporativismo não solidário e autoritário; o capitalismo selvagem, priorizando os compromissos financeiros especulativos em relação aos gastos nos setores sociais básicos; os estelionatos eleitorais e administrativos motivados por alguns mecanismos de marketing e da falsa mídia, dentre outros elementos, estão conduzindo nações ricas, emergentes e pobres para uma crise que abrange aspectos políticos, morais, socioeconômicos, de desesperança, de irresponsabilidade, de injustiça e de violência. Se o avanço científico e tecnológico, para certos segmentos da humanidade proporcionou melhores condições de vida, para outros não aconteceu o mesmo. Não somos contra o progresso, todavia não concordamos quando, em consequência, ocorre uma expansão no número de pessoas excluídas e oprimidas. Tais inquietações fazem nos lembrar de Santo Tomás de Aquino: “Há homens cuja fraqueza de inteligência não lhes permite ir além das coisas corpóreas”. Precisamos, estrategicamente, pensar no futuro. Não obstante as diferenças culturais dos povos, existem características básicas que devem ser comuns: a justiça; a liberdade; a mobilidade social; a soberania popular, evidenciada por convicções democráticas e não por forças autoritárias; também a busca permanente da paz. Concordamos que o modelo do Estado Democrático de Direito está esgotado. Na verdade, muitas vezes é injusto, pois permite privilégios. É importante que se coloque nas agendas de debates, em fóruns nacionais e internacionais, a criação de Estado Democrático de Justiça. Segundo Cícero: “Summum jus - summa injuria” (o supremo direito é a suprema injustiça). Viva a democracia!

Unamo-nos no amor Entendemos que os dois grandes problemas do nosso tempo são as questões envolvendo a paz e a justiça, em todos os seus aspectos. No atual estágio da humanidade, destacam-se como fundamentais os direitos à vida e à liberdade, como também o direito de se ter o mínimo indispensável para alcançar a cidadania. As políticas precisam ser concebidas visando estimular o crescimento econômico e, ao mesmo tempo, buscar uma sociedade justa. A vida será melhor ao percebermos a presença da solidariedade e a ausência da ganância, da corrupção, da inveja e do ódio. Torna-se básico a exaltação dos valores internos e morais, para que possamos ter esperança e alcançar a felicidade. Em todas as nações do mundo existem problemas relacionados com a falta de entendimento, humildade, justiça, amor e paz. Acreditamos que a supremacia dos valores materiais sobre os espirituais é a grande responsável pelo atual desajuste universal. A discriminação entre as pessoas, representa a forma mais cruel de coação. A falta da amizade leva à intolerância e ao comportamento irracional. O radicalismo tem influenciado de forma negativa as alterações de uma organização social. As crises decorrem de movimentos que não procuram soluções, mas modelos errôneos do ponto de vista político e socioeconômico. É bom lembrar que modificações mentais demandam tempo e são difíceis. Goethe disse: “Abra o coração para que entre mais amor”. Por sua vez, Manuel Bandeira, o grande poeta brasileiro, externou no poema “Desesperança”: “Ah! Como dói viver quando falta a esperança”. Enfim, tudo que fazemos com fé para reduzir ou evitar o sofrimento de nossos irmãos, é uma prova de estarmos mais perto de Deus. Como diz o livro do Eclesiastes (9,17): “É melhor ouvir as palavras calmas de uma pessoa sábia do que os gritos de um líder numa reunião de tolos”. Eis o caminho. (*) Luiz Gonzaga Mota (Fortaleza) ex governador, ex deputado, escritor, poeta, membro da Academia Cearense de Letras e do Instituto Histórico do Ceará.

Dezembro/19

8

Comemorações do trintenário da Escola Superior de Advocacia do Ceará é encerrado com entrega das comendas Roberto Martins Rodrigues e FESAC 30 anos A Escola Superior de Advocacia encerrou o calendário de celebração de 30 anos e realizou na noite de ontem, 05, a solenidade de entrega das comendas Roberto Martins Rodrigues e FESAC 30 anos, homenageando grandes personalidades do mundo jurídico. A comenda FESAC 30 Anos foi entregue ao professor Raimundo Bezerra Falcão, fundador da Escola Superior de Advocacia, em reconhecimento ao seu empenho e trabalho para garantir a qualificação da advocacia cearense. Para o presidente Andrei Aguiar, a cerimônia de entrega das comendas “marcaram um momento único na história da ESA Ceará, oportunidade na qual pudemos homenagear o seu fundador, Raimundo Bezerra Falcão, além de realizar um justo reconhecimento ao grande trabalho realizado pelos homenageados em prol do ensino jurídico do Estado do Ceará”. Juvêncio Vasconcelos, Procurador Geral do Estado, foi homenageado, e falou sobre a comenda: “Ficamos por demais honrados em receber uma comenda que tem o nome do grande mestre Roberto Martins Rodrigues, que para mim, sempre foi um exemplo de jurista, uma homem com muitas lições a transmitir. Nós sentimos muito lisonjeados em sermos os primeiros seis que recebem essa comenda, criada em boa hora, pela ESACE. Isso só nos estimula a continuar nosso trabalho de comunicar, informar, e fazer valer o Direito”. Segundo Waldir Xavier, Ex-Vice-Presidente da CAACE: “A ESACE está de parabéns pelo trintenário. Foram anos de muito afinco, e o Presidente Andrei Aguiar, está coroando sua gestão com vários atos e promoções importantíssimas de interesse de toda a advocacia. E o ápice, sem dúvida, foi ter conferido a uma plêiade de intelectuais e grandes mestres professores, escolhas extremamente acertadas. E digo, com sinceridade, do acerto do presidente da Escola, em ter outorgado essa comenda no nome do inesquecível Roberto Martins Rodrigues, homem intelectual, de

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

uma simplicidade cativante, que se preocupava com aqueles que não recebiam, da sociedade, o mesmo tratamento, além de ter sido 5 vezes presidente da OAB-CE”. A comenda Roberto Martins Rodrigues leva o nome do jurista e ex-presidente da Ordem dos Advogados do Ceará (OAB-CE), falecido em junho deste ano, por seu exemplo de luta e defesa das prerrogativas da advocacia cearense. Roberto Martins Rodrigues, que também era jornalista, foi ainda o idealizador o extinto Clube do Advogado. Era Membro Titular Fundador da Academia Cearense de Literatura e Jornalismo (ACLJ), que lhe prestou a última homenagem em vida, em 04 de maio, um mês antes do seu falecimento, a outorga da Comenda Benemérito Ivens Dias Branco, que ele recebeu de Dona Consuelo Dias Branco e da Dra. Graça Dias Branco da Escóssia. Foram agraciados com a comenda: – Juvêncio Vasconcelos Viana, Procurador Geral do Estado do Ceará e Doutor em Direito pela USP; – João Luis Nogueira Matias, Professor da UFC, Coordenador do Mestrado da UNI7 e juiz federal; – Martônio Mont’alverne, ex-vice-presidente da OAB-CE, Pós-Doutor em Direito e Professor da UNIFOR; – Maria Vital da Rocha, Coordenadora do curso de direito da UNI7; – Roberta Madeira Quaranta, Diretora da escola superior da defensoria pública do Ceará; – Gina Vidal Marcílio Pompeu, Coordenadora do programa de pós-graduação em Direito (Mestrado e Doutorado) da UNIFOR. A Academia Cearense de Literatura e Jornalismo estava representada no evento pelo seu Presidente, o advogado e jornalista Reginaldo Vasconcelos, pelo seu Presidente Emérito, Rui Martinho Rodrigues, jurista e historiador, e pelo Coordenador da sua Decúria Diretiva, Jornalista e Sociólogo Arnaldo Santos.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br .

Leituras IV

A estreia de um jovem diplomata brasileiro na “Festa do Bode “ de Ciudad Trujillo

Por J.B Serra e Gurgel (*)

A historia do conselheiro Francisco De Paula publiquei no livro da Casa do Ceará em Brasília em que homenageamos 150 cearenses de alguma forma foram pioneiros ou se integraram a Brasília, nas comemorações dos seus 50 anos. Lá está toda sua trajetória de menino de Senador Sá, um dos menores dos 184 municípios cearenses, a vencedor, como diplomata ortodoxo, que preferiu operar na sombra, longe dos gabinetes do Rio de Janeiro e de Brasília, Por isso mesmo foi esquecido na carreira, apesar de ter passado por quase 16 postos, na maioria como Encarregado de Negócios, respondendo pela Embaixada na ausência de Embaixador. Foram 46 anos no Itamaraty de onde saiu como Conselheiro. Nesta oportunidade, resgato um pouco a sua estreia no Itamaraty, como terceiro secretário, na embaixada de Ciudad Trujillo, hoje São Domingos, na Republica Dominicana, em 1957 onde serviu até 1960. Foram dois momentos difíceis. Logo que chegou. Enfrentou a morte do embaixador no posto, Décio Martins Coimbra. Em seguida, encarou a invasão da embaixada do Brasil por adversários do ditador da Republica Dominicana. Quando entrou para o Itamaraty, na mesma turma do embaixador Paulo Tarso Flecha de Lima, já servira na representação do Tesouro em Nova Iorque quando conheceu Roberto Campos, terceiro consul e Vianna Moog, então servidor do Ministério da Fazenda A Republica Dominicana era go-

vernada pelo ditador generalíssimo. superlativo de terror, Rafael Leónidas Trujillo Molina (San Cristóbal, 24 de outubro de 1891 — Santo Domingo, 30 de maio de 1961) Com o suporte dos Estados Unidos, Trujillo tomou o controle do país em 1930 e o dirigiu até seu assassinato em 1961. A capital, Santo Domingo, a mais antiga cidade das Américas, fundada pelo irmão de Cristóvão Colombo, Bartolomeu, foi rebatizada de Ciudad Trujillo “Trujillo e Deus”, mandou espalhar cartazes pelas ruas e avenidas da cidade e do pais, “Benfeitor da Pátria”, queria que assim o chamassem, modelo de estadista ladrão, dilapidou as finanças públicas, saqueou o Tesouro, tomou 70% das terras cultiváveis, mandou matar seus opositores, era bajulado pela classe dominante.. Mario Vargas Liosa, o peruano Premio Nobel de Literatura de 2010, escreveu “A Festa do Bode” (A festa do Chibo) narrando os horrores da ditadura de Trujillo. Em 1957, o Brasil era presidido por Juscelino Kubitschek, as voltas com Brasília e o chanceler brasileiro era José Carlos de Macedo Soares. O embaixador Décio Martins Coimbra na Republica Dominicana deixara sua mulher e dois filhos no Rio de Janeiro e estava em Ciudad Trujilona companhia de uma amiga uruguaia. Francisco de Paula chego a Ciudad Trujillo,em 1977, como 3º Secretário com sua esposa, Erotildes Ribeiro de

Paula, em sua primeira missão.. Tinha três meses de posto, quando teve que administrar a morte súbita do embaixador Décio Coimbra,mandando corpo para o Rio de Janeiro e recebeu instruções para impedir que a uruguaia entrasse na embaixada ou na residência oficial. Ela reclamou que não teria como sobreviver, mas ele descobriu que mensalmente ele depositava 1.500 dólares na conta dela em Nova Iorque Ele a acompanhou na retirada de seus objetos pessoais Ela recorreu a suas amigas embaixatrizes, que a acolheram, que lhe obtiveram visto para entrar nos estados Unidos. Sumiu na buraqueira. Nesta época, o governo brasileiro não provia a residência do embaixador de moveis, pertences, cama e mesa, dispensa e bebida, Tudo era por conta do embaixador Não era residência oficial, mas privada! Após sua morte assumiu a encarregadura de Negócios, por dois anos, e em 1959, chegou o novo embaixador, vindo das Nações Unidas, Jayme de Barros Gomes. Os Estados Unidos que colocaram o generalíssimo no poder a partir de 1955 começaram a fazer oposição, e articular sua deposição; Pressionavam os países latino americanos para retirar seus embaixadores de Ciudad Trujillo apertando o cerco ao ditador que reagiu como mais violência. Um grupo de 19 dominicanos (18 homens e uma mulher) burlaram a segurança (seis guardas) fingindo de turistas. Um deles teve que quebrar o vidro de entrada da missão e se feriu bastante, Todos penetraram no prédio e foram parar nas

camas no andar de cima. Tropas de Trujillo atiraram para isolar a embaixada. Trujillo convocou um general cuja irmã era a mulher asilada para invadir a embaixada prender os asilados. Nada conseguiram e Trujillo pessoalmente esbofeteou o general que o jurou de morte e mais tarde o mataria. Os recursos eram poucos, pois a embaixada se resumia ao embaixador, ele, e um funcionário administrativo local. Coube-lhe providenciar comida e dormida para os asilados Francisco de Paula lembrou que conhecia um medico brasileiro. Foi busca-lo de carro para tratar os feridos. Foi uma luta para entrar com o medico na missão. Outra luta se deu quando ele o embaixador tiveram que levar os asilados ao ministério das Relações Exteriores para obter salvo conduto,” Nunca deixamos os asilados a sós”. recorda. Foram levados a Venezuela. A imprensa brasileira, na época, abriu espaço para a invasão da embaixada. Condenando à distancia o generalíssimo. A dignidade nacional subiu nas tamancas. Mais nada poderia ser feito. A invasão da “território brasileiro” foi condenada nas páginas dos jornais e ficou por isso mesmo. Francisco de Paula estava em Gotemburgo na Suécia em 1960, quando soube do assassinato do genelarismo pelo general cuja irmã estivera asilada na embaixada do Brasil que conseguira armas de grosso calibre e informações obre uma saída do ditador para a sua residência em San Cristobal; Soube que o corpo do generalíssimo esteve desaparecido por três dias. (*) JB Serra e Gurgel (Acopiara) jornalista e escritor serraegurgel@gmail.com

Fortaleza (CE) e Belo Horizonte (MG) e entram na lista da Rede de Cidades Criativas da UNESCO Elas se juntam à Paraty (RJ), Salvador (BA), Brasília (DF), Belém (PA), Curitiba (PR), Santos (SP), João Pessoa (PB) e Florianópolis (SC). Ao todo, 246 cidades fazem parte da Rede. A UNESCO designou (30) 66 municípios em diferentes continentes para integrar a Rede Global de Cidades Criativas. Belo Horizonte (MG), na categoria gastronomia, e Fortaleza (CE), na categoria design, estão entre as escolhidas. As outras cidades brasileiras que já faziam parte da lista são Paraty (RJ), Salvador (BA), Brasília (DF), Belém (PA), Curitiba (PR), Santos (SP), João Pessoa (PB) e Florianópolis (SC). Criada em 2004, a Rede promove a cooperação internacional dentro e entre municípios de zonas urbanas que investem na cultura e na criatividade como aceleradoras do desenvolvimento sustentável, a fim de transformar as cidades em locais mais inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis. “Parabenizamos Belo Horizonte e Fortaleza por terem sido designadas. Essa escolha reforça a importância do Brasil dentro da Rede de Cidades Criativas e o papel central da cultura e da criatividade na formulação de políticas públicas. O país já tem dez cidades na lista e estaremos em evidência no ano que vem, quando Santos (SP) receberá o encontro anual das cidades que integram

Ceará em Brasília

a lista”, afirma a Diretora e Representante da UNESCO no Brasil, Marlova Jovchelovitch Noleto. Em julho de 2020, a cidade do litoral paulista sediará o evento, cujo tema será a demonstração do poder da criatividade e da cultura como fatores de desenvolvimento social, urbano

e econômico sustentável para redução das desigualdades no mundo. Com seu comprometimento, as cidades e o projeto da UNESCO funcionam como um laboratório de ideias e de práticas inovadoras, trazendo contribuições concretas para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento

Sustentável (ODS) da Agenda 2030 das Nações Unidas. As cidades integrantes promovem a criação de políticas públicas e de projetos de base, com a participação de todos os cidadãos, incluindo mulheres, jovens e grupos vulneráveis. “Em todo o mundo, essas cidades, cada uma a seu modo, fazem da cultura o seu pilar, e não um acessório de sua estratégia”, afirma a diretora-geral da UNESCO, Audrey Azoulay. “Isso favorece a inovação política e social e é particularmente importante para as gerações jovens”. Dia Mundial das Cidades A divulgação faz parte da comemoração do Dia Mundial das Cidades, celebrado pela UNESCO hoje, 31 de outubro. O tema deste ano, Changing the World: Innovations and Better Life for Future Generations, será o assunto de uma conferência promovida em Paris, França, pela Organização. Os principais objetivos do Dia Mundial das Cidades 2019 são: aumentar a conscientização sobre como as inovações digitais podem ser usadas para a prestação de serviços urbanos, a fim de melhorar a qualidade de vida e melhorar o ambiente urbano; mostrar novas tecnologias inovadoras que podem criar cidades mais inclusivas; apresentar oportunidades para geração de energia renovável nas cidades; e explorar como as tecnologias inovadoras podem promover a inclusão social nas cidades.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

9

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

/govdf

gov_df

99532-1873

2019. Um ano de ação.

df.gov.br

Carlos Alexandre Borges Morador de Sobradinho II

Saída Norte: trânsito mais rápido e seguro. As obras que o GDF realizou na EPIA Norte (DF-020), próximo à região do Colorado, mudaram radicalmente o trânsito no local. Com a liberação de três novas faixas de rolamento, um percurso que era realizado em 40 minutos passou a ser feito em um pouco mais de 10 minutos, facilitando a vida de milhares de motoristas, principalmente, nos horários de pico. E vem aí o túnel de Taguatinga.

Dezembro//19

10

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Ceará em Brasília

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

11

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras VI

Os Olhos de Maysa Ayrton Rocha (*) “Teus olhos, são dois oceanos não pacíficos” Manuel Bandeira Conheci Maysa, os anos eram sessenta. O Rio vivia as delícias e a beleza do amor A voz, a beleza e principalmente os Olhos de Maysa Faziam o meu coração bater mais forte E os Cariocas falarem de amor Copacabana tão linda, igualzinha aos Olhos de Maysa Sorria feliz enquanto o coração de Maysa Estava doente de amor E sua alma, chorava esta dor. A fossa era moda e existia mesmo, Tanto que lá no Beco das Garrafas, Dolores Duran deixava sua dor Vagando pelas madrugadas de Copacabana Cantando a “Noite do seu Bem” A procura de alguém que a fizesse feliz Que sentisse o quanto era linda sua musica Tito Madi, maravilhosamente Tito Madi Dizia em público para a mulher dos sonhos, “Não diga Não”, Falava cantando com sua linda e doce voz Os seus “Sonhos e suas Saudades”, O seu “Carinho e Amor”, “Balançando a Zona Sul”. Marisa Gata Mansa enfeitava com o Tito, A noite da Boate Fossa em Copacabana E Tito Madi um Príncipe da musica, da delicadeza E da solidariedade, Levava Maysa para cantar em seu show Num momento onde sua alma tortuosamente sofrida Precisava derramar seu sentimento tão humano Na noite escura da Fossa, da Boate Fossa. Tito Madi dava a mão, o coração, dividindo seu palco, Para Maysa falar da sua dor do amor Com voz e sentimento, que só Maysa tinha Sua alma era dolorosamente sofrida Mas não tão despudoradamente Mostrada na minissérie da Globo De linda produção, onde o filho Jaime, Exorciza todas suas frustrações Com a Mãe tão sofrida, como ele. Os anos eram sessenta e Sacha’s, a Boate da noite Do fim de noite, da esticada, Onde só ia quem amava a noite e o piano do Sacha’s, Onde cada boêmio da noite ao entrar em sua boate Tinha sua musica personalizada. Numa noite quando o Mar de Copacabana Exalava seu perfume de mulher bonita E Pedro das Flores com suas Rosas Deixava os corações felizes de casais apaixonados, Bebia meu Whisky, apaixonado com minha mulher amada, Quando de repente ouvimos no suave Piano do Sascha’s A bela canção “Ouça”. Comecei a cantar baixinho, “Ouça vá viver a sua vida com outro bem...” Ao final da musica troquei a letra Quando de repente sinto uma mão suave em minha coxa E uma voz doce sussurrando em meu ouvido cantando, “E você, fez questão de não dar”, Fez questão de negar”. Era a voz e os olhos de Maysa (*)Ayrton Rocha (Fortaleza) Poeta, escritor, publicitário, cronista, compositor. pequenoayrtonrocha@ gmail.com

Dezembro/19

12

Nacional Gás assume vice-liderança na distribuição de gás do País

Salto acontece após a aquisição da Liquigás pelo consór- o consórcio, ressaltou o processo de aprovação no Cade e cio que tem ainda a Copagaz e a Itaúsa. Movimento faz parte observou que “essa operação está alinhada à otimização do do plano estratégico de ampliação do portfólio e expansão portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à geração de valor para os acionistas”. em áreas nas quais o Grupo Edson Queiroz atua Não é a primeira vez que a estatal Negócios coloca a Liquigás à venda. Em 2016, Após alguns meses de negociação o Grupo Ultra anunciou a compra da e o maior valor já ofertado pela Licompanhia por R$ 2,8 bilhões, mas quigás (R$ 3,7 bilhões), a Petrobras o negócio foi barrado pelo Cade. O confirmou a operação de venda para órgão antitruste alegou concentração o consórcio formado entre Nacional de mercado. Gás, Copagaz e Itaúsa. “Com a Consórcio conclusão da operação, a Nacional No início do ano, a Petrobras Gás assumirá o segundo lugar no contratou o banco Santander para mercado de distribuição de GLP no em 1951, Grupo Edson Queiroz detém as marcas Nacioconduzir novamente as negociações, País”, afirmou Abelardo Gadelha Fundado nal Gás, Brasil Gás e Paragás Foto: Bruno Gomes como parte de seu plano de desinvesRocha Neto, diretor presidente do timento. A nova ação conduziu as Grupo Edson Queiroz (GEQ), em negociações que chegaram à compra comunicado sobre a compra da divida Liquigás. são de gás de cozinha da Petrobras. O Grupo Edson Queiroz é um dos “A aquisição faz parte do plano maiores conglomerados empresaestratégico de ampliação de portfólio riais do País. Fundado em 1951, atua e expansão da participação em setoem diversos setores: no armazenares no qual o Grupo Edson Queiroz mento, envase e distribuição de gás atua há quase 70 anos”, informa nota LP detém as marcas Nacional Gás, do Grupo Edson Queiroz. Em março a segunda tentativa de venda da Liquigás; empresa era o braço da Brasil Gás e Paragás; na indústria de 2018, o Grupo adquiriu a divisão FoiPetrobras no mercado do gás de cozinha Foto: Agência Petrobras de eletrodomésticos atua com a de águas da Nestlé. A operação da Liquigás foi finalizada e agora, será en- Esmaltec; em alimentos e bebidas, tem a marca corporaviada para aprovação dos órgãos competentes da Petrobras tiva Minalba Brasil; em agronegócio com as fazendas da sendo, posteriormente, submetida ao Conselho Administra- Esperança Agropecuária e Mel Esperança; e incorporação imobiliária, com a Quepar Incorporações. tivo de Defesa Econômica (Cade). A Copagaz foi fundada em 1955, no Mato Grosso do Sul, Histórico “O fechamento e liquidação da operação dependem pelo empresário Ueze Zahran, falecido em 2018. A empresa, dessas condições precedentes que serão divulgadas oportu- hoje, é a quinta do mercado nacional. A Itaúsa é a holding que controla o banco Itaú. namente”, observa a nota do Grupo Edson Queiroz. Por Redação Já a Petrobras, ao confirmar a venda da Liquigás para

AL/CE debateu em Crateús limites territoriais entre Ceará e Piauí

O debate sobre os limites territoriais de municípios relatou. dos estados do Ceará e Piauí chega a Crateús, uma das Além de Crateús, os municípios de Granja, Tianguá, cidades afetadas pela situação. A audiência foi requerida Viçosa do Ceará, Ubajara, Ibiapina, Carnaubal, Croatá, pelo deputado Carlos Felipe (PCdoB) e acontece às 8h30, São Benedito, Guaraciaba do Norte, Ipueiras, Ipaporanga no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia e Poranga também estão na área em discussão entre os do Estado do Ceará (IFCE), no bairro Venâncio. estados do Ceará e Piauí. O deputado Carlos Felipe afirma que “a indefinição “É uma disputa antiga, mas agora chegamos a um nível desses limites está causando problemas à população que que foi judicializada pelo estado do Piauí com ação no vive nas áreas em disputa, ficando dúvidas sobre o pa- Supremo Tribunal Federal (STF) e estamos na iminência gamento de impostos e a quem recorrer do Exército Brasileiro fazer uma perícia para obter serviços públicos estaduais”. na área, que tem aproximadamente três O parlamentar aponta ainda que a região mil quilômetros quadrados, população é importante polo de agronegócio, do de oito mil habitantes e envolve 148 setor de energia eólica e do turismo localidades do Ceará”, apontou. para o Ceará. Segundo Mourão, o Governo do EsEm entrevista no programa Narcétado irá se pronunciar somente após o Foto: Divulgação Internet lio Limaverde da FM Assembleia, em resultado da perícia. Por ora, o objetivo 10.10, Luiz Carlos Mourão, presidente é informar a população, especialmente da Comissão de Criação de Novos Municípios, Estudos aquela do território em debate, assinalou. de Limites e Divisas Territoriais da AL, comentou que a O presidente da Comissão acrescenta que a área abranCasa segue com debates em municípios e comunidades ge escolas, postos de saúde, poços profundos, eólicas, para mais informações sobre a situação aos moradores. sistemas de abastecimento de água e de energia elétrica, “Existem algumas comunidades que estão em pânico assim, o território vem sendo mantido e vem recebendo com essa questão e estamos indo para tranquilizar, dizer investimentos do Ceará desde que começou a ser povoado. que existe todo um ordenamento jurídico e institucional, A deputada Augusta Brito (PCdoB) coordena o Projeto que a Procuradoria Geral do Estado está atenta a essa Atlas de Divisas Municipais Georreferenciadas do Estado questão, assim como a AL e o Governo do Estado”, do Ceará.

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras VII

Ditados da Fortaleza antiga

Narcélio Limaverde (*) Bom dia. Quem conheceu o Almofadinha e sabia de suas proezas certamente já dobrou o cabo da boa esperança, já levou alguns tiros da macaca, como diziam na Fortaleza Antiga, em referência a idade da pessoa enfocada. Almofadinha quando não estava truviscado era todo elegante, de palitó, gravata, todo querendo ser... Mas, quando entrava no Bar do Zérosa, na esquina da Clarindo Queiróz com Princesa Isabel, saía de lá que nem barata tonta... Assim nesse estado era muito fácil de se saber o que significava aquele ditado muito soletrado na época: “ Mais fácil do que emburrar bêbado em ladeira”... E a ladeira citada ficava na Imperador, com Clarindo de Queiroz, descendo em direção da Avenida Duque de Caxias... Ele fazia ponto naquele bar citado e, acreditem, quando estava aqui o famoso pintor Antônio Bandeira, Almofadinha queria que o artista fizesse parte de sua mesa de cana... Fiquem sabendo vocês que o Almofadinha, cujo nome eu nunca soube qual era,certo dia comparou-se ao grande artista plástico, quando, em resposta a uma indagação o porque de beber tanto, ele respondia: “Que é que há? Só ele o grande artista é que pode?” E o artista, em sua simplicidade aceitava participar, com a maior simplicidade. Bandeira era filho do senhor Sabino Bandeira, proprietário de uma fundição muito famosa na Fortaleza Antiga. E ele e sua senhora, dona Maria, tinham orgulho, com muita razão, da fama do filho. Ele morava no Paris, como dizia sua mãe e, de vez em quando, vinha até Fortaleza trazendo seus belíssimos quadros. Em aqui chegando se enturmava e fazia parte dos grupos de seus antigos colegas de rua, colegas de infância e adolescência, ali mesmo na Princesa Isabel, onde nascera. Já que hoje falamos em ditados, lembro quando íamos às festas dominicais em clube existente no Benfica. Era o Clube dos Contabilistas. Certa vez o Nazareno Albuquerque, ex-apresentador do Jornal Nacional, da Verdinha, hoje nome de expressão no jornal O Povo, quando viu entrar uma coroa, lembrou o ditado: “Mais alegre do que coroa tirada pra dançar”. Aproveitamos a deixa para sugerir uma coroa, que passava. Nazareno foi tirar a sexagenária. Ela morta de feliz, foi. Ao mesmo tempo fomos até o conjunto musical e pagamos a repetição das músicas. Foi um sofrimento para o amigo. Ficou com cara de zé, lembrando o ditado: “Mais sem graça do que dançar com a irmã”... E nunca mais retornou à tertúlia do Clube dos Contabilistas, e se foi, não lembrou ditados antigos. Em tempo: Os ditados são do livro do dr. Marcos Gadelha. A linguagem é do tempo da Fortaleza Antiga... (*)Narcélio Limaverde (Fortaleza) jornalista, radialista, apresentador de rádio e tevê, cronista de Fortaleza antiga.

Ceará em Brasília

Fortaleza será a maior beneficiada pelos repasses do pré-sal

Segundo a CNM, a Capital cearense deverá receber mais Apesar de os repasses terem sido reduzidos, em comparade R$ 45 milhões do que foi arrecadado com o megaleilão da ção com a estimativa do Ministério da Economia, o consultor cessão onerosa. O Estado ainda tem outros quatro municípios da CNM garantiu que eles serão muito importantes para o entre os cem que mais vão receber recursos. balanço das contas das prefeituras no Ceará. Negócios “Foi uma longa luta, que começou desde o primeiro dia O megaleilão do pré-sal não apresentou o sucesso que o do Governo Bolsonaro, a divisão dos recursos para os muGoverno Federal esperava, mas trará um volume de recursos nicípios. E os repasses irão fazer uma grande diferença para considerável para as cidades cearenses. Segundo o cálculo vários municípios. A gente esperava que o leilão arrecadasse da Confederação Nacional dos muito mais, mas só negociamos Municípios (CNM), Fortaleza dois campos, e esperávamos irá receber o maior volume de que fosse arrecadado R$ 106,6 repasses destinado pela União bilhões”, disse Stranz. entre as capitais brasileiras, com Aplicação mais de R$ 45 milhões dos R$ O consultor ainda explicou 5,03 bilhões destinados aos munique as prefeituras terão apenas cípios. Além da Capital, o Ceará três áreas para a aplicação do ainda terá mais quatro cidades na repasse: previdência geral, prelista das cem com maior volume vidência própria e investimentos. Os repasses dos recursos do leilão seguiram os critérios utilizados pelo FPM, de recursos recebidos: Caucaia, Além de ajudar a reduzir o déficit, direcionando o maior valor para Fortaleza Foto: Kid Junior Maracanaú, Sobral e Juazeiro do em muitas cidades, o dinheiro Norte. As quatro prefeituras terão um acréscimo de R$ 5,134 poderá ser importante para dar continuidade a obras que milhões nos cofres até o fim deste ano. estavam paradas, afirma Stranz. De acordo com o consultor da CNM, Eduardo Stranz, as “Muitos prefeitos escolherão terminar as obras. Mas administrações municipais, assim como os governos estadu- muitas prefeituras têm um débito com a Previdência, então ais, deverão ter acesso aos recursos até o dia 30 de dezembro. elas podem pegar esse dinheiro e pagar para diminuir esse A garantia teria vindo da União - responsável por fazer os déficit, além de poder fazer uma contrapartida nas obras. A pagamentos -, durante a negociação com frente municipal. gente crê que esse dinheiro vai chegar em uma hora extreO diálogo com o Governo Federal vem acontecendo desde mamente boa e vai ajudar a movimentar a economia e gerar o começo de 2019, segundo Stranz. empregos em cidades pequenas”, avaliou.

Ceará foi o estado que mais investiu em 2018, afirma Fundação Getúlio Vargas

“O Ceará foi o estado que mais investiu em 2018 em relação à despesa primária total. O Ceará investiu cerca de 13% de tudo que ele gastou, enquanto outros estados tiveram indicadores piores, com 2% ou 5% de gastos com investimento. Isso é muito ruim para esses estados”. A afirmação é economista Vilma da Conceição Pinto, especialista em política fiscal regional do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getúlio Vargas (FGV), ao abordar o tema “A Dinâmica Fiscal dos Estados nos Próximos Anos” em palestra no 12º Fórum Ceará em Debate, evento realizado conjuntamente com o Observatório do Federalismo Brasileiro. De acordo com a economista e pesquisadora, o resultado do Ceará mostra que, se há um bom controle das despesas correntes e do gasto com pessoal, sobram mais recursos para realizar investimentos. Ela observa que, apesar do bom desempenho do Ceará em relação ao investimento público, alguns pontos precisam de mais atenção, a exemplo da relação entre servidores ativos e inativos. “Quando a gente olha essa relação, o Ceará tem uma proporção de 92,2%. Isso significa que ainda existem menos servidores inativos, mas esse número está se aproximando da quantidade de servidores ativos” – explica. A situação fiscal e as perspectivas dos estados diante do atual contexto socioeconômico do País também foram debatidas pelo secretário executivo de Planejamento e Orçamento da Seplag, Flávio Ataliba, pelo diretor geral do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), João Mário Santos, e pelo deputado federal Mauro Filho. O secretário executivo de Planejamento e Orçamento da Seplag, Flávio Ataliba, destaca que é preciso aperfeiçoar o processo de investimento não só em relação ao montante

aplicado, mas também à qualidade dos aportes que são feitos. “O investimento talvez seja a variável pública mais importante, pois ela que dá a dinâmica da economia. Um ponto que a gente discute pouco e tem muito a ver com o desequilíbrio dessas contas dos estados é a volatilidade do investimento. Isso provoca consequências importantes na volatilidade econômica. A questão é como a gente pode se instrumentalizar de novas ações para reduzir essa volatilidade. A gente precisa controlar a evolução das despesas e ter previsibilidade na receita para ter um padrão de investimento permanente” – frisa. O deputado federal Mauro Filho reforça a importância do debate e lembrou que o teto do gasto, mecanismo de controle dos gastos públicos federais incluído na Constituição em dezembro de 2016, não tem sido eficiente para controlar as despesas públicas. “Durante três anos, eu venho dizendo que o teto do gasto não controla nada do que se refere à despesa obrigatória. A despesa obrigatória, além de pessoal e previdência, inclui outras coisas. A despesa com pessoal e previdência está subindo e as outras estão caindo. O diretor Geral do Ipece, João Mário Santos, que abriu oficialmente o evento, lembra que o Fórum Ceará em Debate tem duas características principais: a discussão da economia do Ceará e a integração entre governo e academia. “Nesta edição, além do tema relevante – “A Dinâmica Fiscal dos Estados nos Próximos Anos” -, a grande novidade é a realização em conjunto com o Observatório do Federalismo Brasileiro, instituído neste ano por meio de uma iniciativa da Seplag e do Ipece” – ressalta. “O Observatório vem na perspectiva de darmos velocidade em incorporar na política pública os movimentos que estão acontecendo no cenário nacional”, acrescenta o secretário Flávio Ataliba.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

13

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras VII

Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa Reginaldo Vasconcelos (*) Calado, Eduardo Bolsonaro é um poeta – como teria dito o jogador Romário sobre o insigne Rei Pelé. Sim, a usina de bobagens que os “três zeros” do Presidente alimentam é de conhecimento geral e de repúdio nacional, e neste episódio da referência ao AI-5 a autoridade de pai foi exercida a vez primeira, fazendo o meninão voltar atrás, se desdizer, se desculpar. De fato, o AI-5 não foi um episódio autônomo na História do País, mas o momento mais agudo do período de exceção, nos governos militares. Referir-se, pois, a esse ato institucional como um evento que se pudesse repetir durante um governo democrático é de supina estupidez. Por essa e por outras, mesmo e principalmente os apoiadores do Governo Bolsonaro vivemos todos em sobressalto em relação às manifestações inoportunas e importunas dos três príncipes da República, falastrões e boquirrotos – meninos do Rio, com muitos anos de praia e de carioquíssima malandragem. Ponto. Entretanto, “uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa”. Tão despropositada quanto a referência ao AI-5 por Eduardo Bolsonaro foi a celeuma da imprensa, das esquerdas e das tantas autoridades rastaqueras que repercutiram a respeito, com indignação e virulência. Embora de forma canhestra, o que o Deputado quis dizer, sob o pálio legítimo da imunidade parlamentar, ao fim e ao cabo é uma verdade retumbante – e a essência da mensagem qualquer pessoa de boa-fé e mediana inteligência entenderia claramente. Na verdade, Eduardo Bolsonaro, em sua fala pouco hábil, não fez o elogio da ditadura, nem apologia de medidas de força contra o povo, em detrimento da democracia – tampouco praticou incitação ao ilícito, mas inteiramente o oposto – ao contrário do que se tem tentado lhe atribuir e repreender. O que Eduardo fez, ou pretendeu fazer, foi um alerta mais do que pertinente, como temos feito de modo reiterado – em que pese não ter a nossa palavra o peso político dos pronunciamentos públicos de um Deputado Federal, dono de um eleitorado imenso, e filho do Presidente da República. O que tentou dizer o “Zero Três” – e que temos dito, sem fazer augúrios nem torcer que isso aconteça – é que os militares constitucionalmente incrustados no Governo Bolsonaro, acrisolados pelo patriotismo, terão que reagir com energia – e certamente o farão – recorrendo a salvaguardas entrevistas na própria Carta da República – caso as esquerdas brasileiras resolvam tomar as mesmas sendas antigas do oposicionismo violento, atualmente adotado em outros países da América Latina. Simples assim. (*) Reginaldo Vasconcelos (Fortaleza)jornalista e Advogado, presidente da ACLJ

Dezembro/19

14

Recuperados R$ 42 milhões para investir em 15 creches Parados há sete anos, recursos do FNDE quase De acordo com o projeto arquitetônico, cada foram perdidos, mas gestão atual do GDF retomou unidade terá espaços definidos para funções admio processo. nistrativas, outro de serviços e multiuso, além dos O Governo do Distrito Federal corre atrás de uma núcleos pedagógicos. Também está previsto um pátio solução para atender à demanda por creches, que coberto, área externa para playground, torre de água hoje está estimada em mais de 19 mil crianças. Neste e estacionamento. semestre, a Secretaria de Educação anunciou a oferta Projeto arquitetônico de 783 novas vagas na educação infantil. No bloco administrativo ficam secretaria da esPara 2020, a expectativa é ainda melhor: cinco cola, sala dos professores, diretoria, almoxarifado novas creches devem ser entregues até junho; outras e sanitários masculino e feminino para adultos. No cinco, no final do ano. bloco de serviços, rouparia, lavanderia, copa para O edital de licitação para as obras das primeiras funcionários, depósito de material de limpeza, vestiinstalações sairá ainda neste mês, graças a uma in- ários masculino e feminino, despensa, cozinha, bufê vestida do governo local e lactário. para recuperar contratos O bloco da creche, de 2012 com o Fundo para crianças com até Nacional de Desenvoltrês anos de idade, terá vimento da Educação fraldário, sanitário e áre(FNDE). as de atividades, repou“Não havia um só proso, alimentação e solário. jeto, nada, e os prazos Já o bloco da pré-escola, [estavam] todos estoupara crianças de quatro rados”, conta a chefe da e cinco anos, terá espaço assessoria especial da de atividades, repouso e Secretaria de Governo, solário. Sueli Rodrigues. A complementação Sueli foi quem coordos espaços para esses Creche pública do DF: edital de licitação para primeiras denou o grupo de trabaestudantes está no bloco sairá neste mês | Foto: Tony Winston lho, que se dedicou, nos multiuso, que terá sala, últimos meses, à elaboração processual junto ao sanitários para meninos e meninas, sanitários para Ministério da Educação para não perder os recursos. adultos e para pessoas com deficiências, sala de “Se não tivéssemos feito esse esforço concentrado, informática e telefone. envolvendo vários órgãos do governo, perderíamos Confira o endereço com previsão de entrega das mais de R$ 42 milhões. Quinze creches que já deve- 15 novas creches: riam estar prontas, mas ficaram esquecidas na gaveta – Obras com entrega estimada para o primeiro de governos anteriores”, completa. semestre de 2020: Outra história CEPI – Vila Telebrasília Agora, a realidade é outra. O trabalho está bem CEPI – Planaltina Q 23 adiantado. Os terrenos para as instalações já estão CEPI – Recanto das Emas Q 109 definidos e os projetos arquitetônicos, elétricos e CEPI – Gama EQ 1/2 hidráulicos já estão prontos. Nessa semana, o GDF CEPI – Ceilândia EQNP 8/12 irá apresentar cinco deles no FNDE. – Obras com entrega estimada para o segundo “Até dezembro, no máximo, a licitação estará na semestre de 2020: rua. No início do próximo ano iniciamos as obras das CEPI – Gama DVO primeiras unidades”, prevê. CEPI – Guará EQ 17/19 O primeiro lote vai contemplar cinco unidades CEPI – Santa Maria Q 201 de ensino infantil: na Rua 18 da Vila Telebrasília; CEPI – Samambaia Q 217 na Quadra 109 do Recanto das Emas; na Quadra 23 CEPI – Recanto das Emas Q 112 de Planaltina; na Quadra 109 do Recanto das Emas; – Obras com entrega estimada para primeiro sena EQ 1/2 do Gama; e na EQNP8/12 de Ceilândia. mestre de 2021: Somadas, elas vão oferecer mais de 900 vagas para CEPI – Ceilândia QNP 11 crianças de zero a cinco anos de idade. CEPI – Santa Maria EQ 215/315 Cofres locais CEPI – Taguatinga QNJ Além dos recursos do FNDE, o GDF vai destinar CEPI – Taguatinga EQNL 9/11 mais R$ 25,5 milhões em contrapartidas para a consCEPI – Ceilândia QNO 18 trução das 15 creches. O valor vai financiar obras de acessibilidade no entorno das escolas, além da Arquivo Agência Brasília compra do mobiliário. Renata Moura, da Agência Brasília

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras VIII

UFC está entre as melhores do mundo no ensino de engenharias e de ciência da computação

Macário Batista (*)

UFC está entre as melhores do mundo no ensino de engenharias e de ciência da computação, diz ranking THE Discursando em plenário da Assembléia do Estado, Fernando Hugo mostrou toda sua tristeza em não ver uma só universidade no Brasil, entre as cem melhores do mundo. No dia seguinte a UFC publicou o press release que você lê agora, aí. “O Brasil tem 32 representantes na lista das melhores instituições de ensino de engenharia do mundo, segundo o ranking da Times Higher Education (THE) 2020. E a Universidade Federal do Ceará está entre elas, compartilhando posição com outras 10 instituições, todas do eixo Sul-Sudeste. A THE divulga, anualmente, um dos principais rankings universitários do mundo, o THE World Universities Rankings. Em paralelo, publica levantamentos por campo do conhecimento. Em um deles, são destacadas as melhores instituições de ensino nas áreas de engenharia geral, engenharia elétrica e eletrônica, engenharia mecânica e aeroespacial, engenharia civil e engenharia química. Na edição de 2020, foram avaliadas 1.008 universidades, número superior ao da edição passada, que analisou 903 instituições. O Instituto de Tecnologia da Califórnia e a Universidade de Stanford compartilham o primeiro lugar geral. A partir da 100ª posição do ranking, as universidades são agrupadas por faixa. As brasileiras estão distribuídas em três faixas: 401-500, 601-800 e 801+. A UFC é a única instituição do Norte, Nordeste e Centro-Oeste a ocupar a faixa 601-800. As primeiras colocadas do Brasil no levantamento mundial, ocupando a faixa 401-500, são a Universidade de Campinas e a Universidade de São Paulo. O reitor Cândido Albuquerque comemora o resultado. “Engenharia e computação são áreas nas quais nos destacamos e, mundialmente, são as áreas pelas quais as universidades se firmam”, avalia. Ele acrescenta que em ambos os campos de conhecimento a UFC tem realizado diversas parcerias, notadamente com o poder público, citando como exemplo o projeto Big Data e Inteligência Artificial. Nele, a UFC desenvolve, em cooperação com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, ferramentas que irão compor o Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta. “Nosso desempenho nessas áreas é considerável, pois estamos à frente das instituições do Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Mas precisamos melhorar ainda mais”, enfatiza. Além das engenharias, a THE avaliou as melhores instituições de ensino de ciência da computação. Nesse levantamento, há 21 instituições brasileiras entre as 749 listadas, e a UFC também é destacada. A Universidade Federal do Ceará ocupa a faixa 601+, ao lado de outras 12 instituições, como a Universidade de Brasília (UnB), a Federal da Bahia (UFBA), a Federal de Pernambuco (UFPE) e a do Paraná (UFPR).” Ratificou o que disse Hugo. A frase: “Socorro, eu não sou paciente desse manicômio!”. Tem neguim enlouquecendo. (*) Macário Batista (Sobral), jornalista, blogueiro, multimídia, colunista.

Ceará em Brasília

Operação da rede 5G ainda não tem data definida no Brasil

Possibilidade é que leilão saia no fim de 2020, mas início comercial pode ficar para 2021. Uruguai é o primeiro país da América Latina a ter nova tecnologia funcionando. No Mundo, Coreia do Sul, China e EUA são destaque. Negócios O 5G é uma conexão 10 a 20 vezes mais rápida que o 4G, segundo a empresa Qualcomm, tanto para download quanto para upload. A promessa é que seja uma rede ainda mais robusta, com cobertura ampla e eficiente, com latência menor. A internet 5G é uma realidade. Há 18 redes comerciais pelo mundo, sendo que Coreia do Sul, China (maior rede 5G do mundo) e EUA têm, cada um, 3 redes cada. Algumas operadoras em regiões selecionadas já trabalham com a nova rede. O Uruguai foi o primeiro país da América Latina a ter acesso a uma rede comercial de 5G. A Austrália, Bahrain, Emirados Árabes Unidos, Itália, Suíça e Reino Unido também possuem o 5G funcionando comercialmente, garante a 5G Americas, uma organização comercial do setor composta pelos principais fornecedores e fabricantes de serviços de telecomunicações. A associação acredita ainda que outras 44 redes estarão funcionando até o fim do ano. No Brasil, originalmente, seriam colocadas à venda, no futuro leilão do 5G brasileiro, 200 MHz na frequência de 3,5 GHz, 100 MHz na frequência de 2,3 GHz e 10 MHz da frequência de 700 MHz, aponta Ian Fogg, vice-presidente de Análises da Opensignal. Porém, segundo o conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) Vicente Aquino, que pediu vistas no processo, poderá haver mudanças. Os espectros das faixas de 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz seriam divididos em lotes de 10 MHz, e teriam que ser comprados pelas empresas interessadas em disputa de múltiplas rodadas ou em leilões combinatórios (CCA). Haveria uma redução pela metade do espectro à venda na frequência de 26 GHz. As operadoras que arrematarem frequências terão que cumprir compromissos de cobertura, incluindo atendimento com 4G ou 5G em municípios com menos de 30 mil habitantes, rodovias e localidades que não contam hoje com serviço celular. Não haveria mais a venda de frequências no bloco nacional. Desta forma, o leilão pode ir de março de 2020 para o fim do ano que vem. Afinal, sem o leilão ainda este ano, tudo pode ficar atrasado. “Queremos levar para a consulta pública uma ideia maturada com as contribuições do workshop (realizado em agosto na sede da Agência em Brasília)”, disse Aquino, que também é relator da proposta de edital do leilão de 5G. Segundo ele, será um edital que engloba Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês) e cidades inteligentes. “É um momento histórico. O leilão da quinta geração avança infinitamente na comunicação entre máquinas; o foco principal é esse”. O conselheiro da Anatel Aníbal Diniz destaciu que as Prestadoras de Pequeno Porte (PPP)

“estão dando contribuição excepcional à atual infraestrutura da banda larga fixa”. Ele defendeu a inclusão de blocos regionais e municipais no edital do 5G a ser lançado em 2020. As PPPs, que querem blocos regionais a valores reduzidos como contrapartida para levar o 5G a pequenos municípios e áreas rurais, têm a mesma visão. A Associação Brasileira de Internet (Abranet) propôs, durante o encontro em Brasília, descontos às PPPs nas aquisições dos futuros lotes de 3,5 GHz, 40% para frequências nas áreas urbanas e de 50% para rurais. A Associação defendeu a admissão de consórcios no edital e o incentivo a estados e municípios para oferta de benefícios, como a redução do ICMS. Já a Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint), por sua vez, apresentou a ideia do “Lote PPP”, bloco de 60 MHz de abrangência regional com 90% do valor de aquisição convertido em compromissos de abrangência e, também, propôs o estabelecimento de ofertas de atacado e de compartilhamento de rede em cidades com menos de 50 mil habitantes. Estas medidas podem acelerar a entrada do 5G em pequenas e médias cidades, coisa que ainda hoje é um problema para o 4G. O que é o 5G? O 5G é uma conexão 10 a 20 vezes mais rápida que o 4G, segundo a empresa Qualcomm, tanto para download quanto para upload. A promessa é que seja uma rede ainda mais robusta, com cobertura ampla e eficiente, com latência menor. No ápice da tecnologia, poderia haver cerca de 10 Gigabits por segundo (Gbps) de velocidade de download. Isso, entretanto, vai depender do investimento das empresas que participarem do leilão da Anatel. Na prática, quem teve a oportunidade de ir até a Coreia do Sul e testar não se desapontou com o 5G, especialmente no quesito velocidade. Chegar a 1Gbps não foi difícil, e nem ultrapassá-lo. A velocidade é suficiente para baixar um vídeo de 1GB em 20 segundos. Para efeitos de comparação, a média do 4G em locais de ótima cobertura no Brasil é de 20 Mbps. O secretário de Telecomunicações do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Vitor Menezes, destacou que o 5G permitirá utilizações como carros autônomos, cirurgias remotas, agricultura de precisão e cidades inteligentes. Ele salientou que o 5G não é evolução do 4G. “É uma tecnologia nova e disruptiva, que promete alterar a forma como vivemos”, disse. As implementações de 5G buscam resolver problemas práticos, mas o 5G pretende ir além - a meta mais ambiciosa para essa conexão é impulsionar o mercado de Internet das Coisas (IoT). É o que diz Fogg. “Com o tempo, os lançamentos de 5G melhorarão a latência móvel - uma medida da capacidade de resposta da rede - que fará com que tudo, da navegação na Web até a comunicação de voz sobre IP (VoIP), funcione de maneira mais suave e sem intermitências. Por Daniel Praciano.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

15

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Ciesa concedeu título de Doutor Honoris Causa in memoriam ao Chanceler Edson Queiroz

Comenda foi entregue à presidente do mestrado em Direito. Já a turma da Fundação Edson Queiroz, Lenise de doutorado em Administração teve Queiroz Rocha, em 06.11, na Assem- início em março de 2019. Até o mobleia Legislativa do Amazonas. mento, quatro alunos já concluíram o O Centro Universitário de Ensino doutorado em Direito. Superior do Amazonas (Ciesa) vai Atualmente, os cursos de mestrado conceder, dia 6 de novembro, Título e doutorado contam com 66 alunos. Honorífico de Doutor Honoris Cau- A previsão era que a primeira turma sa ao Chanceler Edson Queiroz (in do doutorado em Direito Constitumemoriam). A solenidade de outor- cional fosse finalizada até fevereiro ga acontecerá de 2020, mas no plenário da dois dos alunos Assembleia já defenderam Legislativa suas teses, e do Amazonas, os demais estão com bancas em Manaus, a marcadas até o partir das 19h fim deste ano. e contará com Segundo o a presença da reitor da Ciesa, presidente da Chanceler Edson Queiroz receberá (in memoriam)´ professor Luiz Fundação Edmais uma honraria son Queiroz, Antônio CamLenise Queiroz Rocha, do vice-reitor pos Corrêa, a parceria com a Unide Extensão da Universidade de versidade de Fortaleza atende a uma Fortaleza, professor Randal Martins demanda crescente do Amazonas, conPompeu, e da Coordenadora do siderando que a região Norte concentra Programa de Mestrado e Doutorado somente 5% dos doutores do Brasil. em Direito da Unifor, Profª Drª Gina “Esse foi o mais importante passo dado pelo Ciesa, que tem se preocupado com Vidal Marcílio Pompeu. O Estado do Amazonas conta, des- a evolução acadêmica da sociedade de 2016, com mestrados e doutorados amazonense, com objetivo de fomentar com nota 6 da Capes. Tudo graças à oportunidades de acesso a novos conheparceria firmada entre a Universidade cimentos para esta região, tão carente de Fortaleza e o Ciesa, que permite o nesse tipo de formação”, destaca. O professor Luiz Antônio Campos intercâmbio de saberes e estruturas para a qualificação profissional e o Corrêa informa que os alunos da turma desenvolvimento da região Norte de doutorado em Direito já têm carreira consolidada na docência, e a maiodo País. O Programa de Pós-Graduação em ria atua também no Judiciário, com Direito Constitucional da Universi- carreira no setor público. “Acredito dade de Fortaleza obteve nota 6 na que a opção de só ingressar em um avaliação quadrienal da Coordenação doutorado após a consolidação de suas de Aperfeiçoamento de Pessoal de carreiras profissionais é reflexo da falta Nível Superior (Capes). Com isso, de programas de mestrado e doutorado o programa da Universidade de em Direito na região Norte do País”, Fortaleza integra o seleto grupo de salienta, acrescentando que os alunos oito universidades brasileiras com de Administração atuam em empresas desempenho equivalente a padrões públicas e privadas da região. internacionais de excelência na área Para o reitor do Ciesa, a parceria do Direito. com a Universidade de Fortaleza Além do chanceler Edson Quei- contribui para o aperfeiçoamento da roz, fundador da Universidade de qualificação dos docentes da região Fortaleza, o Ciesa homenageará o Norte do Brasil. “A educação é uma jornalista e empresário Phelippe Daou das mais importantes ferramentas (in memoriam) e o professor Edson para a promoção do desenvolvimenRaimundo Pinheiro de Souza Franco, to regional e para qualificar nossos quadros profissionais onde quer que ambos amazonenses. atuem. Um trabalho árduo, mas muito Evolução acadêmica A parceria teve início em 2016, gratificante”, finaliza o professor Luiz apenas com o doutorado em Direito Antônio Campos Corrêa. Por Redação, metro@verdesmares. Constitucional. Dois anos depois, foi aberta na Ciesa a primeira turma com.br

Dezembro//19

16

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Momentos Marcantes na vida do Comendador Albery Mariano

P Esprojeto eci s ais

Acadêmica Profa Cleuza Mariano recebe a Comenda das mãos do Vereador Silio Junqueira.

A Câmara Municipal de Caldas Novas-GO e a Academia de Letras e Artes de Caldas Novas-ALACAN, no dia 04.11.2019 realizou Sessão Solene para entrega da Comenda João Tomé de Moraes “Zilico” dedicada a personalidades Culturais e incentivadores da Cultura, e da Comenda Leodegária de Jesus, a qual presta homenagem a escritores, artistas e poetas. A Presidente da ALACAN, Stella Fleury indicou os homenageados: Major Antonio Carlos Belleli, digno Diretor do Colégio Militar Nivo das Neves; Escultor e Acadêmico

Dr. Carlos Albuquerque; Acadêmica, Psicóloga e Escritora Dra Zadir Campos da Silva; Profa Cleuza Luiza MarianoPedagoga, Especialista em Educação, Acadêmica e Escritora, entre outros. A artista plástica internacional, Lúcia Di Donato recebeu da ALACAN o Título Honorífico de Colaboradora Benemérita Artes e da Cultura, abrilhantando o Evento com Exposição de seus belos quadros, pinturas em tela. Nossa Presidente da ALACAN e musicista, Stella Fleury, com sua voz lírica, agraciou a todos cantando “Eu sei que vou te amar”.

Nesta oportunidade foi comemora dois 29 anos da ALACAN com belo e criativo bolo decorado com livros, pincéis, notas musicais e o brasão. Nossos cumprimentos ao Presidente da Câmara Municipal, Vereador Saulo Pimenta e à Presidente da ALACAN Stella Fleury pelo sucesso do Evento. O Casal Comendador Dr. Albery Mariano e Profa Cleuza Mariano agradece a presença da grande amiga e Conterrânea artista plástica Lúcia Di Donato.

O Sarau Literário realizado dias 12 e 13.11.2019 surpreendeu os Docentes, discentes e pais de alunos do Colégio Militar Nivo das Neves, pelo alto nível das apresentações, ressaltando os nossos grandes escritores e poetas brasileiros. O ponto alto do Sarau foi a apresentação teatral do “Sítio do Pica pau amarelo” de Monteiro Lobato e “Do alto da Compadecida” de Ariano Suassuna. O Casal Comendador Dr. Albery Mariano e Profa Cleuza Mariano, a Presidente da ALACAN Stella Fleury e a Acadêmica Dra Zadir Campos, convidados especiais, assistiram o Sarau Literário ao lado do dinâmico Diretor do Colégio Militar, Major Antonio Carlos Belleli, o qual é poliglota e agraciou o público com una poesia em italiano e o Comendador Dr. Albery recitou sua poesia “Trajetória de Vida”.

Abecedário de um poeta apaixonado Cleuza, você é o: “A” de Albery, amor e amada; “B” de boneca, bela e brejeira; “C” de Cleuza, carinho e criança; “D” de dama, dedicada e decoradora; “E” de eficiente, educada e inteligente; “F” de franca, fiel e feminina; “G” de graciosa, grata e gardênia; “H” de harmoniosa, hábil e honesta; “I” de iluminada, inteligente e imprescindível; “J” de justa, joia e jovial; “K” de Kant, Kátia e Kênia; “L” de leal, legitima e letrada; “M” de Maria, mãe e mulher;

Ceará em Brasília

“N” de notável , natural e necessária; “O” de obediente, organizada e observadora; “P” de princesa, prática e preciosa; “Q” de quero, querida e quilate; “R” de realeza, radiante e realista; “S” de simples, sábia e soberana; “T” de troféu, trabalho e tradição; “U” de união, útil e única; “V” de vida, vaidosa e valorizada; “X” de xale, xerém e xereta; “Z” de zelo, zeladora e zelosa; Cleuza, minha única musa inspiradora. Com este significado e exclusivo Alfabeto, confirmo que você é o ABC da minha inusitada, abençoada e prazerosa existência; de uma vida feliz ao seu lado. Sou tranquilo, alegre e realizado, porque com você,

estou unido há mais de quarenta anos. Você faz parte desse grande amor. - Você é o meu alento, - Minha paixão e - Meu xodó. Se puder colaborar. A todos, eu agradeço, Doadores de coração. Vocês sabem o endereço Do museu do Casarão. O Casarão abre as portas, Pra cultura divulgar. Academia de Letras e Artes La encontrou o seu lugar.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

17 Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras IX

Um Século de Sabedoria

Regina Stella (*) Ela se acercou, linda e loura, nos seus dezoito anos, com um livro à mão, e me pediu que escrevesse, nele, algumas frases, alguns versos, sobre a vida, sobre o mundo, quem sabe sobre ela, algumas palavras em forma de mensagens, um recado meu só pra ela. A dúvida me assaltou, de cheio, questionando o que poderia ser dito, ali, no livro de pensamentos, que a satisfizesse, e que não fosse piegas e nem estivesse em desuso. Numa época em que o “se” participa de todo projeto de vida ou de bem, admitindo-se sempre a possibilidade de derrota e propondo-se uma fuga sem alternativa ao ideal, ao amor, a quem se elegeu o mais querido, era uma responsabilidade lançar uma mensagem. “Se eu não passar no vestibular...” “Se o casamento não der certo ou...” “Se não for como eu penso eu me desquito...” E um sequencia de “Se” compõe a procissão de possíveis fracassos, onde se admite perder, deixar-se enganar, não atingir a meta, apesar da autossuficiência e de todo o ceticismo. Há anos atrás eu não me surpreenderia com um pedido igual, tão comuns eram os Diários, os álbuns guardados em segredo, onde manchada à tinta, borrada a letra, a página traía a dona dos protestos de amor, numa evidente demonstração da emoção que não conseguira reter, e rolara as lágrimas pelo rostinho doce. E as flores murchas, ressequidas entre as folhas do livro, eram mais versos que se negara a escrever, por medo de ser o segredo descoberto. Decidi adiar para um outro dia a mensagem à universitária, decidida e moderna, que falava, desenvolta, de Piaget, apregoava melhor distribuição de renda e pleiteava terra para os índios, revoltada com a injustiça. Aceitou as desculpas que lhe dei, e, sem perda de tempo, pediu à velhinha que estava ao meu lado, oitenta anos, que levasse o seu livro e escrevesse uma frase, um pensamento. Passado um tempo, eu já nem me lembrava, e outra vez ela me chega, de livro à mão, cobrando-me a promessa. - E então, indaguei, o que lhe escreveu a experiência? Convencida de que superados os velhos conceitos e tabus, ela tivesse apenas aceito, e com condescendência, a mensagem da senhora. Ah! é o que há de mais lindo no meu livro, o que eu precisava ter para guardar. Comecei a folhear, curiosa, e lá estavam as frases, em caligrafia legível, um pouco trêmula, que tanto apaixonara a menina! Que mensagem, pensei, podem ter oitenta anos, para alcançar uma universitária, hoje? Com a alma tão cedo calejada, das noticias dos meios de comunicação, das lições que a televisão há tanto lhe transmite, propalando a violência, o desamor, a traição, a infidelidade que palavras terá dito para encontrar guarida no coração da jovem moderna, sem meias palavras, autentica e sem subterfúgios? As palavras eram simples, quase uma fórmula de como ser feliz, numa linguagem coloquial e amiga. Uma definição interior perante a vida, firme e decidida, coerente e equilibrada, propondo usar com sabedoria, seus dons e seus próprios talentos. E começava assim “ sê bom, sê justo, pratique o bem com altivez e desinteressadamente...” E retratava em poucas linhas, um Homem, na exata medida da palavra. A surpresa vinha no fim. Ao concluir, para explicar aquilo que escrevera, ela contava que aos dezoito anos, também jovem e linda, pedira ao avô que lhe escrevesse alguma coisa no seu livro de lembranças. E ele lhe dera aquelas mesmas frases, “ama, ama com sinceridade; crê no amor e na amizade“ que agora transcrevia, aos oitenta anos, copiando de seu livro de páginas amarelecidas e desbotadas pelo tempo. Levava adiante o que lhe causara, há muitos anos, enlevo e exaltação. Fiquei refletindo, e questionando a integridade do homem que distanciado no tempo, mudados os conceitos, mudados os costumes, a mesma mensagem recebe acolhida, e tem guarida quatro gerações depois! Recebera a universitária, nos sábios ensinamentos, uma preciosa herança. No seu coração, gravadas, as palavras de seu tataravô... (*)Regina Stella (Fortaleza), jornalista e escritora

Dezembro/19

18

Seis municípios têm o melhor IDM do Ceará: Eusébio e Fortaleza lideram ranking

Eusébio, Fortaleza, São Gonçalo do Amarante, Aquiraz, Maracanaú, Horizonte, Barbalha, Sobral, Cascavel e Paracuru são os dez municípios melhores posicionados no Estado, de acordo com o Índice de Desenvolvimento Municipal (IDM/2017). No entanto, apenas seis dos 184 municípios cearenses compõem a “classe 1” do índice, com média de 61,14: Eusébio, com IDM de 70,70; Fortaleza, com 68,72; São Gonçalo do Amarante (64,02); Aquiraz (56,25); Maracanaú (55,31) e Horizonte (51,85). Juntos, eles possuíam mais de 3,0 milhões de habitantes, o que equivalente a 34,35% da população cearense. Os municípios listados nesse grupo são referências estaduais no que tange ao conceito de desenvolvimento. Os dados estão no “Índice de Desenvolvimento Municipal (IDM) Ceará/2017”, que acaba de ser publicado pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) do Governo do Estado do Ceará. Os dez municípios com maiores índices do IDM – Ceará – 2017 Pesquisar Município IDM Ranking Classe Eusébio 70,70 1º 1 Fortaleza 68,72 2º 1 São Gonçalo do Amarante 64,02 3º 1 Aquiraz 56,25 4º 1 Maracanaú 55,31 5º 1 Horizonte 51,85 6º 1 Barbalha 48,43 7º 2 Sobral 44,86 8º 2 Cascavel 43,61 9º 2 Paracuru 42,49 10º 2 MOSTRANDO DE 1 ATÉ 10 DE 10 REGISTROS ANTERIORPRÓXIMO Os dez municípios com menores IDM são: Aiuaba (6,09); Pires Ferreira (8,62), Catarina (10,16), Umari (10,67); Abaiara (10,75); Deputado Irapuan Pinheiro

(12,05); Tejuçuoca (12,07); Tarrafas (12,43), Caridade (12,74) e Piquet Carneiro (12,93). O Índice de traduz, de forma consolidada, a situação dos 184 municípios cearenses, segundo os trinta indicadores analisados em quatro grupos: Indicadores fisiográficos, fundiários e agrícolas; Indicadores demográficos e econômicos; Indicadores de infraestrutura de apoio e Indicadores sociais. O IDM pode ser amplamente utilizado no acompanhamento das condições de desenvolvimento dos municípios, sendo, portanto, um instrumento para diagnósticos e referência para a proposição e orientação de políticas públicas, de acordo com João Mário Santos de França, diretor Geral do Ipece. O trabalho, coordenado por Adriano Sarquis Bezerra de Menezes, titular da Diretoria de Estudos Econômicos (Diec) do Ipece, e que contou com uma equipe formada pelos analistas de Políticas Públicas Alexsandre Lira Cavalcante, Jimmy Lima de Oliveira e Cleyber Nascimento de Medeiros, bem como por Fátima Juvenal de Souza e Aprígio Botelho, revela que 36 municípios, com média de 36,66 (IDM entre 30,69 a 48,43), estavam situados na “classe 2”, com população estimada de 2,6 milhões (29,57% dos 9,02 milhões da população cearense) em 2017. Os cinco principais municípios listados nesse grupo foram Barbalha (48,43), Sobral (44,86), Cascavel (43.61), Paracuru (42,49) e Guaramiranga (42,33). Um total de 76 municípios compunha a “classe 3” (2,12 milhões, equivalente a 23,52% da população), com IDM médio de 24,56, (amplitude variando de 20,52 a 30,42). Nesse caso, os municípios melhores colocados foram Acaraú (30,42), Marco (29,91), Morada Nova (29,79), Itapajé (29,72) e Aracoiaba (29,32). Já dentre os 66 situados na “classe 4”, com índice médio de 16,24 (1,13 milhão, representando 12,57% da população do Estado) e amplitude do IDM entre 6,09 a 20,30, os melhores ranqueados foram: Itapiúna (20,30), Jardim (19,95), Ibaretama (19,88), Apuiarés (19,88) e Acarape (19,78).

Lançado em Fortaleza o livro de Ana Rosania e Felipe de Almeida sobra a Genealogia das famílias de Acopiara

Ana Rosânia de Almeida e Francisco Felipe de Almeida, irnãos, ela medica veterinária e ele médico, ambos nascidos em Acopiara, acabam de lançar a GENEALOGIA DAS FAMILIAS ALMEIDA- BRAGA, ALVES -MACEDO E FELPE-MELO, em dois tomos, o 1º com 606 páginas e o 2ª com 606 páginas, resgatando a história das famílias que “da ribeira dos rciachos Cupim, Macacos, Tataira, Jacu, Melo, Faé, Antônio, Cobra, Suassurana e do rio Qiuincoê”, na região d semiárido do Ceará e no o Alto Salgado, tendo Iguatu, Acopiara e Quixelô como centros de referências. O lançamento da obra se deu em Fortaleza, com apresentação do desembargador Celso Albuquerque de Macedo. ,O eixo está composto pelas as seis sesmarias: de (1) Pedro Gomes de Melo, de 1814, incluindo Antônio, Jurema, Baixo da Roca e Cobra, (2) de José Lopes da Cruz, Riacho da Varjota, (3) José Lopes da Cruz nos riachos Cupim e Tataíra, (4) Francisco Alves de Macedo, riacho Suasssurana (5) Joaquim Vitorio de Almeida Braga, sítio

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Santana em João Mendes em Quixelô a (6) Alexandre de Nelo Gois no sitio riacho do Melo. Celso identificou três grupos dos 11 mil descendentes das famílias citadas, Antônio Paes de Oliveira e Rosa aria de Araujo, ele pernambucano e ela sergipana, que 1.730 chegaram ao Poço da Pedra da Ribeira do Quixelô, com uma vasta descendência a)de Inacia Rodrigues da Silva e Alexandre Melo Gois, que se instalaram no Riacho dos Melo, incluindo Rosânia e Francisco Felipe, Osmar e João Alves de Melo, b) Sebastiana Rodrigues e Manoel Paes de Oliveira, que se instalaram no sito “Lages”, hoje Acopiara. C) Tereza Gomes da Silva e José Lopes da Cruz, que se instalaram no sitio Tataíra Ressaltou que destes grupos. nasceram os seguintes prefeitos de Acopiara: Alfredo Nunes de Melo, Francisco Alves Sobrinho, Joao Uchoa de Albuquerque, Antônio Almeida Neto, Francisco Felipe de Almeida, Sheila Regina de Albuquerque Diniz e Juremir Martins, de Piquet Carneiro.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras X

O Humor Negro e o Branco Humor Caiu no ENEM: A que velocidade máxima um homem consegue fazer sexo sem se cansar? Reposta do único aluno (provavelmente o Joãozinho) que acertou a questão: “A 68 km por a 69... ele já põe a língua pra fora Cadê os Bons de Matemática? Prova de Lógica - UFRJ Se antes de dormir você rola 7 vezes pra cada lado, e depois de 5 minutos rola 3 vezes pra esquerda e 2 pra direita, quantas roladas você leva pra dormir? A) 09 B) 18 C) 19 D) 22 E) 06 João Gurgel: Cadê os Bons de Matemática? Prova de Lógica - UFRJ Se antes de dormir você rola 7 vezes pra cada lado, e depois de 5 minutos rola 3 vezes pra esquerda e 2 pra direita, quantas roladas você leva pra dormir? A) 09 B) 18 C) 19 D) 22 E) 06 Vi, pai Filha, vc viu um comprimidinho azul que deixei aqui ? Sim pai, o Bob engoliu.. *Exame de Urina Simplificado” Saia em Jejum para urinar no jardim Se juntam formigas, diabetes se mija na ponta dos pés, próstata se sai com cheiro de churrasco, colesterol Se ao sacudir dói o pulso, artrose. Se ao voltar ao quarto, volta com o pinto pra fora, Alzheimer! Solução para a falta de sono na 3ª idade!!! Dois velhinhos, num banco de jardim a dar milhos aos pombos, comentam um com o outro: - Rony, não consigo dormir, deito na cama e levo horas para dormir. - Olha, Francisco, eu durmo sempre, que nem um anjo. - E como é que você faz para dormir? - Me masturbo... - Bate uma??? - Sim. - Sério??? - Sério. - E goza??? - Não... mas canso. E aí durmo!!! Usando se sentir velho, entregue em uma banjeira com vinho. Assim você ficará novinho.

Ceará em Brasília

Culinária

Os Cearenses nas Cozinhas de Brasília

Bar dos Cunhados Pedro Prado e Paulo Prado Donos (Hidrolândia). Garçons: Raimundo Vieira(Viçosa do Ceará), Edmilson Bezerra, (Poranga), Johnson de Souza (Santa Quitéria CLN 115 BL B lj 21- Asa Norte 70772-520 Tel( 61) 3274-7805. Bar dos Cunhados no Tênis do Iate Clube Damázio Prado (Hidrolândia) arrendatário – 337988763 Setor de Clubes Esportivos Norte Trecho 2 Conj 4 -70800-120 Bar dos Cunhados Veleiro no Iate Clube Antônio Prado (Hidrolândia) arrendatário 3329 8761 e 3323 4207 Bartolomeu SHCS Quadra 409 bloco C loja 06 Asa Sul 70257-180- 3442 1169 Chefe de Cozinha: Maitre Wellington (Ipu), Maitre e sommelier: José Felismino (Cintra Netro) (Fortaleza), Cozinheiros: Francisco Leonardo Nascimento (Bela Cruz) e José Alex Facundo de Almeida (Boa Viagem) Beirute Sul Proprietário Francisco Marinho(Ipu) - SCLS 109 Bloco”A” Loja 2/4 – Asa Sul /3244 1717 Bloco C - CLS 211 Bloco C Loja 17., CEP 70.272.530 Reservas 3363 30 62 e 3245 3463 Gerente Edison Carlos Vidal (Russas) Chefe de Cozinha Francisco Lopes (Quixadá) Beirute Norte Maitre Bartolomeu Marinho(f.cearense, Brasília) Coco Bambu – Frutos do Mar Gerente Geral Eilson Studart (Fortaleza) Diretores: Beto Pinheiro (Fortaleza), Daniel Sherrabe e Hegel Barreira (Fortaleza) Gerentes Fábio Pereira de Sousa (Viçosa)-CE e Raimundo Auzivan Pinheiro ( Milhã) - SCES Trecho 02, Conjunto 36, Parte CÍcone Parque - 70200-002 Tel 3224 5585 Brasília Shopping Endereço: Setor Comercial Norte Q 5 Bloco A Brasília shopping Lojas 2w, 3w, 4w - Asa Norte, Brasília - DF, 70297-400 Telefone:(61) 3038-1818 Coco Bambu Áquas Claras Localizado em: DF Century Plaza Endereço: Rua Copaíba, 1 Águas Claras, Brasília - DF, 72010-110 -Telefone:(61) 3262-0559 Baby Beef Rubaiyat - Brasília Maitres: José Itamar Ferreira Gomes (Acaraú), Silva (Ubajara) e Manoel Adilson Rodrigues (Jijoca), Garçons: Luis Neto Alves Sobrinho (Acopiara) e Antenor Neto Rodrigues (Ibiapina), barmen: Doniseti Ferreira Chaves (Ibiapina), Hernandes Freitas (Jijoca) e Gleison Ferreira da Silva (São Benedito), Recepcionista Viviane Bezerra da Silva (Ipueiras). SCES – Setor de Clubes Esportivos Sul, Trecho 1, lote - 1 A - Asa Sul - Tel 61. 3443.5000 Dom Francisco SCS 402 Bloco B Loja 09, 3224 1634 3226 1816 Gerente: Wilton Melo (Ipu); maitre : Valdemir Alves Souza (Sobral); garçon: Evandro Magalhães (Santa Quitéria) Dom Francisco ASBAC SCES Trecho 02 Conj 3226 2005 3224 8429 3223 5679 Garçons: Iran Matos (Independência), Antônio Melo (Independência) Antônio José Barbosa (Monsenhor Tabosa). Elisimar Barbosa Oliveira (Monsenhor Tabosa); barman Francisco Ricardo Ferreira Gomes (Nova Russas); cozinheiros: Romário Vieira Barreto (Tauá) e Francisco Dermival dos Santos (Nova Russas). Dona Graça Maitre – Carlos Ângelo Veras (Viçosa do Ceará) casa 15 Vila PlanaltoTel 3032 1062 - 70804-270 Feitiço Mineiro Garçons: Robero Rodrigues Araújo (Tamboril), Paulo César Lima da Silva (Tamboril). Antônio Fernandes Neto (Tamboril). João Batista (Ubajara), Edson Lima (Ubajara) e Leonardo Biano, filha de mãe cearense. SHCN CL Qda. 306 Bloco B Lojas 03,45 e 41 3272-3032 / 3347 5751 / 99983 4852 Forneria Parole Maitre Antônio Carlos de Souza (Guaraciaba do Norte) ;garçon: José Gerardo de Azevedo (Guaraciaba do Norte); cozinheiros, pizzaiolo Sinobilino Bezerra Neto (Tauá) QI 9/10 Comércio Local Loja 39 Lago Norte - 3368 3337 Gero Gerente: Célio Freitas (Hidrolândia) Maitre: Alexandro Araújo Nascimento (Itarema) cozinheiro: João Moura Rodrigues (Itarema)

SHIN C04 Lote A Loja 22 Térreo Iguatemi 3577 5522 8110 0209 Galeteria Beira Lago Proprietário João Miranda Lima (Ipueiras) Gerente José Afonso Miranda Lima (Ipueiras). Maitre:Raimundo, Chaves de Carvalho (Nova Russas) garçons: Helio Martins de Melo (Nova Russas) e Antono Alcimario (Pereiro(, churrasqueiro: Valdemar Araújo de Souza ; serviços gerais: Joaquim Rodrigues Ferreira (Nova Russas) - SCES Trecho. 02 conjunto 33, ao lado do PIER 21 Ki Filé Maitre – Maitre, Roberto Cavalcante (f.Cearense), Chefe de Cozinha, Raimundo Cavalcante (Sobral). Gerente Eduardo Vasconcelos (f.Cearense), garçons: Francisco Souza (Sobral) e Raimundo Mourão (Nova Russas), cozinheiro: Francisco Ferreira (Granja) 405 Norte, bloco A - lojas 55/65/69 - (61)3274-6363 Le Palace Proprietário: Edilson Aguiar (Sobral); Cozinha: Marilza / Regina (Camocim); Garcon: Zé Vanildo (Sobral) Especialidade: Picanha na chapa; Pratos da terrinha: Carne de sol, baião de dois, panelada, rabada, sarapatel, peixada; Q-04 Conjunto J Lote 60 Planaltina-DF (em frente à Feira de Confecções de Planaltina) - 33897000 Libanus Proprietário Narciso Marinho (Ipu) - SCLS 206, Bloco “C”,loja 36 – Asa Sul / 3244 9795 Endereço: Vitrinni Shopping - Rua 14 Norte, 135 - Águas Claras, Brasília - DF, 71910-000 Telefone: (61) 3382-0444 Moqueca do Chefe 404 Norte, Bloco B, Loja 2 3201 5204 - Dono e Maitre – Francisco Holanda (Cascavel) Garçonete Maria Pereira (Beberibe) Moranguim Chefe de Cozinha Francisco da Silva (Icó) SHIN QI2, Área Especial, Quiosque 14., Lago Norte/21947641 Em frente a loja do Pão de Açucar. New Koto (comida japonesa) SQS 212 loja 20 - 3346 9668 Garçons: Francisco Olavo Aprigio, Francisco Antônio Souza, Gelinaldo Brito e Genildo Brito, todos de Guaraciaba do Norte, José Wilson (Boa Viagem), cozinheiro José Aurélio (Sobral), sushiman Joao Carlos Nascimento e o ajudante dele, Eridam Lopes e o ajudante de cozinha Francisco Alan, todos de Guaraciaba do Norte Oxente Carne de Sol Q 04, Conjunto J ite, Vila Buritis, Planaltina DF, 3389, 4005 - Copeiro Francisco das Chagas Aguiar (Sobral Pizzaria Primu’s Grill Dono: Chico Élcio (Sobral) - Quadra 4. Conj, A Lt 60 – 9627 6430 Planaltina - 73.300-000 Praliné SCLS 205 Bloco A – Loja 03 – ASA Sul 70.235-510 – 3443 7490, 3443 7090 - Garçons – Raimundo Viana (Crateús), José Osmar Gabalia (Sobral), Caixa: Eliane Paiva (Groaíras) Recanto do Norte Donos: Eudes Braga Mesquita e Antônia (Toinha) Celeste Jorge Mesquita (Santa Quitéria) 409 Norte, Bloco B, Loja 65 – Tel 3271 8722 Restaurante Central Proprietário: José Maria Aguiar (Sobral); Churrasqueiro e especialista em pratos e tira gostos especiais: Titico (Sobral). Especialidades: Self service, caldo de mocotó, sarapatel; Aos Sábados: Feijoada. Praça de Alimentação da Feira de Confecções de Planaltina-DF - 96313335 (Vivo) 92322855 (Claro) Restaurante Nordestino Dono: Francisco Valdenir Machado Elias(Independência) ; Gerente Thiago Machado (f.cearense) cozinheiro. João Batista Souza Sampaio (Sobral) 3ª. Avenida Área Espcial S/N <Mercado do Núcleo Bandeirante boxes 13/15/17 71710-350 - 98147 0585 3021 4577 Santana Dono: Adonias Santana (Independência) Manuel Messias Lima da Silva (Ipu) cozinheiro; Marco de Oliveira (Nova Russas) cozinheiro CNA 03 Lote 08 Lojas 01 e 02 Taguatinga Norte – 72110 035 Tel 3563 4674 Silvio’s Bar e Restaurante CLN 114 Bloco D Loja 56 Tel 33495650 Maitre e proprietário: Silvio Ronaldo (Boa Viagem) Taperas Restaurante Maitre – Francisco Tadeu de Oliveira (Iguatu) Sobreloja do Garvey Palace Hotel - Tel 33 28 4265

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

19

Dezembro//19


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Fotos: Maria Rozangela Azevedo

Casa do Ceará em Brasília realizou a Ceia Natalina dos idosos residentes na Pousada Crysantho Moreira da Rocha

Coral Bom Mesmo e Ser Feliz.

Diretor de Educação e Cultura: Edmilson Sobreira Caminha Júnior, Superintendente Antônia Lúcia Guimarães de Aguiar, Diretora de Promoção Social Maria Djanira Gonçalves, Presidente José Sampaio de Lacerda Júnior, Diretor de Planejamento e Orçamento José Aldemir Holanda e sua esposa Rosa Helena, Assistente Social Ivete Simonette do Amaral.

o último dia 13 de dezembro de 2019 foi realizado um jantar para os idosos que moram na Pousada Crysantho Moreira da Rocha e seus familiares em comemoração a chegada do Natal. O evento contou com a apresentação do artista Beto Alencar e o coral “Bom mesmo e ser feliz”, composto pelos idosos, sob a coordenação da colaboradora da Casa, Eloísa Marques. Todos os anos o evento conta com um grupo de madrinhas que trazem presentes para os idosos, esse ano os idosos receberam presentes de Maria Djanira,

Rosa Helena, Alvanira Sousa, Andreia Carusa, Angela Parente, Ana Maria Caminha, Algemira Lustosa, Denise Pinto, Lúcia de Fátima, Sônia Moreira, Lindinalva Maria, Antônia Rita, Célia Florêncio, Shirley Gurgel e Michele Braga. O Presidente da Casa do Ceará, José Sampaio de Lacerda Júnior agradeceu a presença dos familiares dos idosos e aproveitou para ressaltar que a chegada do Natal é um momento de confraternização com a família e a Casa do Ceará mantém a tradição de manter

N

2° Vice Presidente Antônio Florêncio da Silva, Célia Florêncio, Ana Carolina Florêncio.

a aproximação dos idosos com seus familiares. Participaram do jantar o 2º vice-presidente Antônio Florêncio da Silva (Fortaleza) e sua esposa Célia Florêncio, os diretores Edmilson Caminha (Fortaleza), José Aldemir Holanda (Baixio), sua esposa Rosa Helena e Maria Djanira Gonçalves (Aurora) e a superintendente Antônia Guimarães. A confraternização natalina contou com a coordenação da assistente social Ivete Simonette e o apoio da equipe de colaboradores da instituição.

as férias. u s s a a r a p Completo

19057.34.1_ANUN BEACH E TUDO_JORNAL CEARA_250x150mm.indd 1

Dezembro//19

20

28/11/19 11:01

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília

Profile for shadown shadown

Jornal da Casa do Ceará  

Jornal da Casa do Ceará

Jornal da Casa do Ceará  

Jornal da Casa do Ceará

Profile for shadown21
Advertisement