Page 1

revista

AGENDA CULTURAL

JULHO

TEATRO . DANÇA LIVROS . WORKSHOPS FILMES . MÚSICA FESTIVAIS

+

ESTILO COMPORTAMENTO CASA&DECORAÇÃO PAIS&FILHOS VIAJAR

INSETOS COMESTÍVEIS SÃO A CHAVE PARA A ESCASSEZ DE ALIMENTOS

DOULAS

ESTAS MULHERES AJUDAM A FAZER NASCER BEBÉS... E NÃO SÓ!

PRAIA DAS ROCAS

ESTA REVISTA VALE UMA ENTRADA VER PAG. 84

5

BEBIDAS

FRESCAS E DELICIOSAS

JULHO 2013 • N.º 89 • 2,5€

EXCLUSIVO

TONY

CARREIRA *VERÃO >CAMPISMO

OS MELHORES PARQUES DE CAMPISMO E O QUE NÃO PODE FALTAR AO AR LIVRE

> PRAIAS LOW COST

COISAS SEM PREÇO PARA FAZER EM CINCO PRAIAS DA COSTA DE PRATA

> ZUMBA ZUMBA!

DICAS EXCLUSIVAS DE HERMANN MELO PARA OS VICIADOS NA MODALIDADE


ABERTURA

editorial

Haja alegria, vivam as festas!

O

nosso país vive tempos conturbados. Mas isso é outra história, para outros contarem. Na C queremos que viva o lado bom da vida. Por isso conseguimos uma entrevista com Tony Carreira, o cantor de sonhos que arrasta multidões, e que pode ver ao vivo em Cantanhede, Oliveira do Hospital e Pampilhosa da Serra nos próximos dias. A C esteve com o cantor na sua terra Natal, Pampilhosa da Serra, numa conversa agradável e informal. Se gosta, vai adorar a entrevista. Se não gosta, provavelmente vai passar a gostar. Porque Tony Carreira é assim, tal qual o colocamos nesta revista. Genuinamente português. À C foi concedido o privilégio de estar dois dias com o cantor e a sua equipa. Para percebermos melhor o fenómeno Tony falámos com fãs, amigos e equipa. E reconhecemos que atrás de um grande cantor há sempre uma grande equipa. Organizada, metódica, disciplinada e disciplinadora. O "senhor Tony", como lhe chama a grande maioria dos fãs, falou com todos no mega almoço, mostrou conhecer a maioria pelos nomes e nunca nega um autógrafo ou (mais) uma fotografia. Com a C foi aberto, simpático, cordial e profissional. Julho trouxe finalmente o sol e o calor. Mas proteja-se! Siga os conselhos da maquilhadora Vanessa Kuzer e trate de si e da sua pele. Delicie-se com os refrescos e cocktails sugeridos por Vera Ferraz, a nossa especialista em assuntos gastronómicos. Gosta de ar puro, campo e natureza? Conheça alguns dos melhores parques de campismo e glamping campismo com mais requinte! Mas não ficamos por aqui no que toca ao verão. Quer mais surpresas hot? Então veja o que a nossa equipa de produção de moda preparou: viajou até à fábrica do Licor Beirão e fez uma produção original, onde óculos, biquínis, acessórios, sementes e caldeiras se misturam com a sensualidade feminina e o precioso licor… Como sugestão gastronómica, para a secção “À Mesa”, fomos até Guisado, nas Caldas da Rainha. Rendemo-nos às delícias de Luísa Nunes, no restaurante típico “Solar dos

PUBLISHER

best dream makers productions

best dream makers productions

Mães que ajudam mães parece um trocadilho. Mas não é. Uma mãe que ajuda outra mãe é uma doula, aquela que segura a mão, que está sempre com a grávida e a encoraja. Esta atividade ainda está a dar os primeiros passos em Portugal. Nesta edição pode conhecer três mulheres da Região Centro que abraçaram esta vocação. E por falar em mulheres… se juntarmos quatros mulheres criativas, jovens e bonitas e misturarmos tudo sai… SPAI, uma marca de calçado feminino, lançada recentemente em Coimbra, e que recicla telas publicitárias. Ainda nesta edição encontra um levantamento de insetos que poderão vir a entrar na sua alimentação diária. Pode parecer repugnante mas, para as Nações Unidas, é uma forte solução para a escassez de alimentos mundial. Para desenjoar, nada melhor do que “zumbar”! O guru mundial do Zumba, Hermann Melo, que esteve na Figueira da Foz, aconselha roupa e equipamento para a prática desta modalidade cada vez mais na moda. Esta é mais uma Revista C, que fazemos a pensar em si. Nas bancas, em casa dos assinantes, num café da região centro ou na Expofacic, em Cantanhede, lá estará uma C para lhe proporcionar um novo olhar sobre o lado bom da vida. Até agosto! António Abrantes, diretor P.S.: Tal como ansiávamos, a meio de junho, a Universidade de Coimbra, a Alta e a Rua da Sofia foram distinguidas como Património da Humanidade. Uma semana depois, foi com profunda tristeza que nos despedimos de um grande entusiasta dessa mesma ideia... um ilustre amigo da Cultura, de Coimbra, do Centro e da Revista C. Paz à alma de Mário Nunes.

DIRETOR: António Abrantes BDMP, Produções audiovisuais e musicais, Lda. NIPC: 510 272 487. Capital Social 5.000€. SEDE:best Ruadream António Bentes, n.º 44, 4.º O - 3030-487 Coimbra. makers best dream makers Email: geral@bdmp.pt productions productions ESCRITÓRIO: Urbanização Quinta da Portela,

Rua Maria Victória Bourbon Bobone, n.º 16.4 - Loja B 3030-481 Coimbra. Telefone: 239 045 550.

A BDMP não é responsável pelo conteúdo dos anúncios nem pela exatidão das características e propriedades dos produtos e/ou bens anunciados. A respetiva veracidade e conformidade com a realidade são da integral e exclusiva responsabilidade dos anunciantes e agências ou empresas publicitárias. Interdita a reprodução, mesmo parcial, de textos, fotografias ou ilustrações, - sob quaisquer meios e para quaisquer fins, inclusive comerciais.

6

Amigos e Ilha do Paraíso”. Se estiver em Coimbra, acredite que os 280 quilómetros (ida e volta) são bem empregues. Garantidamente vai querer voltar. Como nós…

REDAÇÃO: REVISTA C - Urb. Quinta da Portela, Rua Maria Victória Bourbon Bobone, n.º 16.4 - B 3030-481 Coimbra. Telefone: 239 045 550. Email: geral@cnoticias.net COLABORAÇÕES: MODA MACC, Daniel Casteleira (produção), Margarida Camacho (copy); Margarida Cardoso (literatura); Vera Ferraz (à mesa); Ana Oliveira (psicologia); André Navega (infografia e paginação), Vanessa Kuzer (editora beleza), Paula Simões (nutrição) CRONISTA PERMANENTE: Luís de Matos. Colaboram, ainda, nesta edição: FOTOGRAFIA M. Crespo, OPINIÃO Ana Paula Sançana, Olga Cavaleiro. SPORTS Holmes Place; VIAJAR: Pedro Caldeira. ESTAGIÁRIA Marta Malva (multimédia); Diana Antunes e Francisca Delgado (redação) PUBLICIDADE, MARKETING E ASSINATURAS Direção de contas: BDMP, LDA email: comercial@cnoticias.net. | Telf.: 239 045 550 Telm.: 914 108 398 IMPRESSÃO Joartes, the printing lab - Artes Gráficas Zona Industrial de Barrô 3750351 Barrô Águeda DISTRIBUIÇÃO VASP-MLP, MediaLogistics Park Quinta do Granjal - Venda Seca. TIRAGEM DESTA EDIÇÃO: 5.000 exemplares. Registo ERC com o n.º 126017, de 12/01/2011 | Depósito legal n.º 322204/2011. PERIODICIDADE: Mensal Publicada por BDMP, Produções Audiovisuais e Musicais, Lda sob licença de Medinforma, Lda - Taveiro - Coimbra. NIPC 509 711 537. Capital Social: 50.000€

JULHO 2013


ARTES & CULTURA 10

37

Cláudia Vieira

Tony Carreira À C foi concedida uma entrevista exclusiva com Tony Carreira. Apaixonado por Portugal, desiludido com as rádios e com os políticos e acarinhado pelo público, o cantor de sonhos falou ainda das suas recordações de menino, dos 25 anos de carreira e dos planos para um futuro próximo.

Agenda cultural Programação dos 18 

eventos culturais da região durante o mês de julho.

ESTILO

28 Streetstyle 30 Tendências Biquínis. 31 Produção Verão na fábrica do Licor Beirão. 35 Estilo Preparar a mala de férias. 36 Beleza Cuidar da pele em dias de muito sol. 37 Eventos

SPAI

72

42 Animação A região está em festa. 46 Sérgio Duarte Cinematógrafo premiado a nível europeu, Sérgio Duarte trabalha para contar "histórias de vida de pessoas". Há apenas três anos fazia próteses dentárias e mantinha o sonho de ser ator. Não tinha grande jeito para isso e encontrou na realização de cinema o "miúdo" que ainda é!

48 SPAI Sapatos feitos com telas publicitárias. 50 Campismo "Bora" lá acampar? 54 Opinião "A agricultura aqui é a arte de

assistir impassível ao trabalho da natureza." e "A Casa das Confrarias de Portugal."

cocktails

Buddha Eden Garden

poder ajudar outras a serem mães

68 Bebé do Mês 70 Leitura Como incentivar o seu filho a ler?

À MESA

72 Refrescos & Cocktails por Vera Ferraz 74 Solar dos amigos & Ilha do Paraíso Se

gosta de um bom bacalhau ou de um belo naco de novilho assado na brasa decore este nome. 76 Receitas do blogue "Hoje para jantar" Vera Ferraz apresenta três receitas para uma refeição de excelente apresentação.

VÍCIOS & CULPAS

78 Apple Novo Mac Pro

80 Apps Confira as 14 aplicações gratuitas

que não podem faltar no seu smartphone. melhores artigos para a prática da modalidade.

MOTORES

82 Ford Focus Eletric Compromisso sério com emissões zero.

CASA & DECORAÇÃO 87 | Dicas, por Tralhão Design Center 88 | Ikea: Design e elegância artesanais 89 | Mobiliário em verga não sai de moda

VIAJAR

90 Buddha Eden Garden: um local de meditação e de contemplação mesmo aqui ao lado

COMPORTAMENTO

92 Destino Dubai: onde os sonhos se tornam

57 Lions "Leões" solidários. 58 Crowdfunding O que é e para que serve. 59 Redes sociais Como apagar as suas

94 Roteiro: Coisas baratas ou grátis para

SAÚDE & BEM ESTAR

IDEIAS DOS OUTROS

contas nas redes sociais

90

64 Doulas Elas são mães que têm o dom de

81  Zumba Hermann Melo recomenda os

NÓS

48

PAIS & FILHOS

60 Entomofagia Vamos todos começar a comer insetos? 62 Dietas Pode comer, mas só um pouco! 63 Fitness Exercícios by Holmes Place

50 Campismo

31

Produção C

60

Comer insectos?

realidade

fazer nas praias da Costa de Prata

96 Last minute 97 Instantâneo

98 Luís de Matos

Capa

Tony Carreira


colaboram nesta edição

Paula Simões

Hermann Melo

Bolas de berlim, gelados e outras gulodices... Paula Simões, dietista, dá conselhos do que fazer para não acumular calorias durante o verão.

É o número dois do Zumba a nível mundial. Hermann Melo esteve na Figueira da Foz, a convite da Associação do Bairro Novo, para uma mega aula de preparação para bater o recorde mundial do Guiness. Para os leitores da C deixou sugestões do melhor equipamento para desfrutar desta modalidade!

Ana Paula Sançana A diretora executiva da cooperativa de apicultores Lousã Mel assina um artigo de opinião sobre o regresso à agricultura. Uma interessante reflexão entre expetativas e real trabalho.

Vera Ferraz, A autora do blogue www. hojeparajantar.blogspot.com sugere receitas para uma refeição completa muito saborosa e cinco bebidas fresquinhas!

Pedro Caldeira O fotógrafo Pedro Caldeira partilha com os leitores um pouco da sua obra fotográfica. Para esta edição escolheu uma viagem diferente... O local é desconhecido, mas a foto é marcante: o retrato de uma viagem ao mundo da droga.

Luís de Matos Cronista residente da Revista C, a estrela mundial do ilusionismo partilha a história de quatro mágicos que se juntam para uma mega e espetacular operação de vingança e justiça. É ficção, mas... e se não fosse?

Margarida Cardoso escolheu a obra "As Minhas Lembranças Observam-me", de Tomas Tranströmer, como sugestão de leitura para este mês de julho.

Olga Cavaleiro A presidente da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronóminas assina um artigo de opinião acerca da inauguração da nova Casa das Confrarias.

Ana Oliveira apresenta uma correta estratégia para despertar o interesse pela leitura às crianças. Bom artigo para pais e docentes!

Making of

Produção de moda na fábrica do Licor Beirão Veja o vídeo do making of em: www.cnoticias.net 8

Retificação Na edição de junho, na secção "Eventos", no artigo intitulado "Confrarias promovem produtos de Sicó", por lamentável lapso, foram publicadas duas incorreções: a Confraria do Chícharo foi identificada como sendo de Ansião, quando, na verdade é de Alvaiázere e a Confraria do Queijo Rabaçal foi designada, apenas, Confraria do Rabaçal. Aos visados, as nossas desculpas.


FOTO DE MCRESPO

ARTES & CULTURA

10

2013


Só concedeu esta entrevista por ser para a C, uma "revista da região". Sincero, honesto e profissional: sem papas na língua Tony Carreira revela nestas páginas por que é o maior fenómeno da música portuguesa. POR MÁRCIA DE OLIVEIRA

TONY

CARREIRA Foi na Pampilhosa da Serra, na véspera do encontro com as suas fãs, que a C fez uma entrevista exclusiva com Tony Carreira. Apaixonado por Portugal, desiludido com as rádios e com os políticos e acarinhado pelo público, o cantor de sonhos falou ainda das suas recordações de menino, dos 25 anos de carreira e dos planos para um futuro próximo. Disse tudo isto e muito mais nesta “conversa informal”, como apelidou, porque se trata da revista da sua região. E apenas por isso.

vivi aqui por esta terra, porque vivi na Pampilhosa até aos 11 anos. Nunca perdi o contacto com esta terra e venho cá três a quatro vezes por ano. Tenho tudo gravado em mim, desde o cheiro dos pinheiros, àquela infância maravilhosa dentro de alguma pobreza relativa, mas feliz. As recordações maravilhosas da minha avó, do meu tio, da capela, da escola primária, de vir à vila da Pampilhosa (porque sou de Armadouro) e fazer uma festa… [risos]

P: Em cada concerto que dá lembra-se da aldeia, perdida na beira… R: Essa canção foi gravada em 1996/1997 e tornou-se um sucesso muito mais no tempo, do que propriamente no ano em que a gravei e fico muito feliz com isso. É uma belíssima canção, em termos melódicos é uma canção quase infantil. Vou dizer uma coisa que nunca disse: a canção mais marcante que eu tive durante muitos anos foi a “Ai destino”, mas a “Sonhos de menino” conseguiu superar essa. Fico muito feliz, porque já assumi em algumas entrevistas que o “Ai destino” é uma canção lindíssima e não tenho vergonha de a ter gravado, agora sem sombra de dúvidas que o “Sonhos de menino”, para mim, é muito mais canção do que o “Ai destino”. E se me dessem a escolher uma canção que resumisse tudo aquilo que eu sou, acho que por tudo aquilo que sou e por tudo aquilo que eu sei de mim, seria a “Sonho de menino”, o cantor de sonhos.

P: Está a pensar construir uma casa do artista na Pampilhosa da Serra? R: Não, a câmara é que quer fazer um projeto com a escola primária da minha aldeia o que é, sem dúvida, uma homenagem muito grande. As escolas da aldeia são sítios especiais e bonitos e a maior parte delas estão abandonadas. Vi na Internet, e penso que foi em relação à Pampilhosa, que a população em 1800 era superior à de hoje. Em tempos, quando eu vivi em Armadouro, éramos 30 ou 40 alunos naquela escola…. Agora fizeram-me a proposta de erguer um museu com o meu nome, mas a palavra em si assustou-me porque ainda estou vivo [risos]. Entretanto falei com o José Brito [presidente da câmara da Pampilhosa da Serra] e desta maneira sim, parece-me interessante: não focalizar a escola/museu só na minha pessoa, mas noutras coisas da região também. O projeto - no qual há uma homenagem prestada a mim, mas também à região - está em andamento e estará concluído este ano ou no princípio do ano que vem.

P: Que momentos recorda da sua terra Natal, a Pampilhosa da Serra? R: A nossa vida é marcada pelos primeiros 15 anos em tudo. Esses anos têm uma importância que, muitas vezes, nem damos conta. Recordo-me de tudo o que www.cnoticias.net

P: Considera-se o embaixador da Pampilhosa a Serra? R: Não me considero, mas gostava de ser. Gosto que 11


ARTES & CULTURA

"SE ME DESSEM A ESCOLHER UMA CANÇÃO QUE RESUMISSE O QUE SOU SERIA "SONHOS DE MENINO" me chamem como tal. Ainda hoje, pelo caminho, tirei umas fotos e mandei para umas pessoas que não conhecem esta região para verem como é bonita. Qualquer pessoa que tenha vindo cá, sente que vale a pena. E foi nesse sentido que, este ano, fiz o convívio de fãs na Pampilhosa da Serra. A responsável pelo clube de fãs queria que fosse no Coliseu, e teríamos certamente mais pessoas no Coliseu, mas eu é que disse que tinha de ser na minha terra, principalmente pelos 25 anos de carreira. Também faria sentido fazer no Coliseu, porque nunca fizemos o convívivo numa sala de nome, prestígio, emblemática… Mas eu “bati o pé”, e quem manda sou eu [risos], para que fosse na Pampilhosa, porque é a minha terra e, para além de ser uma homenagem bonita, é uma forma de a dar a conhecer a outras pessoas. P: Tony Carreira, o cantor de sonhos concretizados ou por concretizar? R: Muito mais concretizados do que esperava. Claro que já consegui muito mais do que um dia esperei, mas temos de continuar a querer fazer mais e eu continuo com esse espírito, porque quando o perder arrumo as botas e venho para aqui (Pampilhosa). P: Sente-se amado em Portugal? R: Sim, muito amado, respeitado e acarinha12

do por toda a gente. Sou um artista muito feliz, porque esse sentimento já ultrapassa o meu próprio público e sinto que as pessoas, que à partida não são consumidoras nem fãs do meu trabalho, também me respeitam muito. Portanto é muito bom, sinto-me muito acarinhado por Portugal no seu todo. P: Atua por todo o país, nalguns casos mais regularmente como em Cantanhede, aqui ao lado. Coimbra tem sido uma das exceções. Há alguma razão para isso? R: Cantei em Coimbra há dois anos e foi muito bom. Ia com um certo receio para essa queima das fitas, porque nunca tinha cantado em Coimbra, essa foi a única vez. Adorei, foi muito bom, um público fantástico. Os espetáculos funcionam desta maneira: a empresa de produção da qual eu sou sócio produz, e aí nós é que decidimos os locais dos concertos, que são basicamente Porto, Lisboa e pouco mais. Mas tudo o resto surge de um convite (Passe lá o recado para a malta de Coimbra [risos]). Convidaram-me uma vez para ir a Coimbra e eu fui, portanto não falhei em nada. Cantanhede, por exemplo, é lá ao lado e é uma história de amor fantástica. Vou lá desde 1994, todos os anos. Acho que os sítios onde mais cantei na vida foram Cantanhede e Paris. Aliás, acho que nunca nenhum artista cantou tantos anos seguiJULHO 2013


Coisas que deve saber sobre Tony Carreira CLUBE DO CORAÇÃO Seleção Nacional, apesar de não ser um clube. Sou sportinguista por hábito, claro que gostava de ver mais vezes o meu Sporting a ganhar, mas aquilo que realmente me faz chorar e vibrar é a seleção nacional, é Portugal, é a nossa bandeira. PRATO PREFERIDO Isso é difícil… há dois que eu adoro: cozido à portuguesa e feijoada à transmontana. Isso é suprassumo. CIDADE Gosto muito de Lisboa.

dos no mesmo local como eu. E Coimbra devia ter vergonha de Cantanhede [risos]. P: Já conquistou os maiores palcos do mundo - Olympia e Zenith em Paris, o imponente Emperors Palace na África do Sul, o marcante Queen Elizabeth nos Estados Unidos, a mítica Brixton Academy em Londres – e em Portugal esgota o Pavilhão Atlântico, o Coliseu… Há algum local do mundo onde gostasse de atuar? R: Só posso contar no meu percurso com aquilo que realmente existe. Neste momento estou a gravar o primeiro disco que será em português, espanhol e francês. Portanto, se as coisas correrem de uma forma positiva, é possível que venha a cantar noutros sítios e será com todo o prazer, porque todo o cantor gosta de cantar. Claro que há outros sítios onde gostaria de cantar, mas não lhe consigo dizer um, porque não penso nisso. Em quanto mais sítios cantar, mas feliz estarei artisticamente. P: Já muito se falou da sua infância e da partida para França. De todos os emigrantes portugueses, o Tony é de longe o que conseguiu maior visibilidade e notoriedade. Acha-se bafejado pela sorte ou a sorte constrói-se? R: Não me considero emigrante e não é pela palavra em si. Considero-me português. Gosto muito de cantar fora de Portugal, porque toda a minha experiência de vida passou por aí e tenho muito orgulho nos portugueses que vivem fora de Portugal. Ninguém gosta mais desta bandeira do que um português que viveu fora de Portugal, e por tudo: pelo percurso em si, pela saudade, por viver longe. Agora www.cnoticias.net

acho que o melhor público do mundo está sem dúvida cá em Portugal. O que eu tenho a dizer sobre a minha experiência de português fora de Portugal é que tive a sorte de, no regresso ao meu país, ter sido recebido de forma maravilhosa. Se sou a bandeira dos portugueses fora de Portugal, fico muito feliz por isso, mas considero-me português e ponto. É por isso que, apesar de ser sportinguista, era benfiquista na final da Taça UEFA, porque acima de tudo sou português, tenho um orgulho enorme na nossa bandeira. Há coisas que, claramente, neste país não me orgulham, como a nossa classe política, e por mais que digam que eu já ganhei dinheiro com esse tipo de gente, nunca ganhei. Eu cantei em comícios onde me pagaram, como canto no seu aniversário se me contratar. E não quero saber se você é do PSD, do PS, do CDS ou CDU. Não quero saber! Vou lá cantar, porque sou profissional. Nunca dei a cara por nenhum político, por isso estou completamente à vontade para dizer que os políticos de Portugal são maus. Não tenho compromisso com ninguém e, sempre que me quiseram comprar, recusei vender-me. Mas tenho orgulho em ser português, seja aqui ou seja fora. P: Esta pergunta já lhe deve ter sido feita muitas vezes, no entanto vou fazê-la na mesma. Porque que razão as suas músicas não passam nas rádios nacionais? Como é que lida com essa situação? R: Ainda bem que não passam, vendem discos que é melhor [risos]. Por mais que queiram, não conseguem mandar num povo. Por mais que oprimam as pessoas, a voz da liberdade há de sempre bater mais alto, e por mais que não

PAÍS Portugal VIAGEM Gosto muito da Europa. Fora da Europa, o que gostava de ver era a Ásia (Japão, China…). LOCAL QUE GOSTARIA DE VISITAR A Áustria é um dos países onde quero ir um dia destes. MELHOR MOMENTO DO ESPETÁCULO Há duas “fotografias” opostas que me dão muito prazer: Quando vejo 20 ou 30 mil pessoas com as mãos no ar, que não é uma coisa muito vulgar em Portugal para um artista português; e os momentos mais intimistas. PIOR MOMENTO DO ESPETÁCULO Os maus momentos, tanto na vida pessoal com na vida profissional, apagam-se da minha memória sem o mais pequeno esforço. É FÃ DE…? Bryan Adams. Em palco, nos concertos, é provavelmente o único que sigo mesmo. SE NÃO FOSSE CANTOR ERA… Não sei, porque o meu pai queria que fosse mecânico e isso de certeza que não era. Jogador da bola, que era uma coisa gira, já ia tarde... Aquilo que queria fazer é aquilo que faço. Se não fosse isso, que era o meu sonho, era outra coisa qualquer.

13


ARTES & CULTURA

passem as minhas músicas na rádio, eu sou aquilo que sou. Trata-se de um snobismo da treta, dos "inteletualóides" de meia tigela que pensam que fazer programas de rádio para as namoradas ou para os amigos, é fazer programas de rádio para Portugal, para o país para o qual eles trabalham. Mas não é! Eu entendo perfeitamente que a minha música não passe na Rádio Amália, agora não entendo é porque que é que a minha música não passa na Rádio Comercial ou na Renascença. Eu percebo porquê, não faço parte do lobby daquele tipo de gente… As rádios são totalmente fechadas. Posso dizer a palavra “estúpidos”? É isso. O problema é a frustração dos diretores de rádio, de programação, que pensam que são os suprassumos de topo, mas depois queixam-se que ninguém os ouve…. Vou-lhe dar um exemplo: em 2003, no primeiro Pavilhão Atlântico, pedi ajuda à Rádio Renascença e eles disseram que não. Em 2004 houve um boato sobre uma situação que vai acontecer este ano, o facto de ir gravar um dueto com o Júlio Iglésias, a Renascença soube e ligou para o meu escritório a dizer que me queria apoiar… Eu disse que não. P: Vai gravar um dueto este ano com o Júlio Iglésias? R: Sim, à partida sim... P: Com que olhos vê o estado do país? R: Este povo é maravilhoso, porque inde-

pendentemente das dificuldades que há, acho um milagre os portugueses manterem-se com esta calma. P: Falando em milagres, é um homem religioso? R: Eu não sou assim tão religioso como as pessoas possam pensar. Tenho fé numa escala enorme em relação a Fátima. Tenho fé, mas não sou uma pessoa vidrada que acredita no Pai Natal. Mas sou um homem de fé, sem sombra de dúvidas. P: Tinha planos diferentes para os seus filhos? R: O meu pai também tinha planos diferentes para mim… [risos]. A vida é mesmo assim. P: Olhar para os seus filhos, assim tão bem encaminhados, deixa-o... R: Eu não sei se eles estão bem encaminhados. Sei que têm é a possibilidade, neste momento, de fazer várias coisas…e o futuro o dirá, porque em Portugal as coisas estão difíceis como nós sabemos. Agora claro que têm uma porta aberta se quiserem trabalhar para mostrarem aquilo que valem e acho que, até à data de hoje, eles têm feito um excelente trabalho. Mas o futuro ainda está muito à frente e claro que, como qualquer pai, desejo para eles o melhor. O futuro o dirá, mas por enquanto estão bem encaminhados… Mas eu sou suspeito, sou o pai [risos].

"O PROBLEMA É A FRUSTRAÇÃO DOS DIRETORES DAS RÁDIOS"

14

P: Pode dizer-se que gere a sua carreira meticulosamente? R: Há um bocadinho aquela forma de pensar que eu nasci com uma “máquina de marketing”. Faço a minha gestão com o coração, a minha escola foi a quarta classe, portanto nada foi pensado. Funciono por instinto e nunca fiz planos a longo prazo, faço sempre planos a um ano ou ano e meio, que é o espaço de uma turné ou de um disco. Nunca pensei gravar ou fazer "isto" para atingir "aquilo", faço as coisas de forma muito sincera. Os profissionais que trabalham comigo certamente encontrarão alguns defeitos, mas tenho a certeza que dirão que o Tony é um grande profissional. Disso tenho a certeza absoluta, porque acho que há uma coisa com a qual não podemos brincar: quando o público nos dá a possibilidade de fazer, não podemos brincar com essa oportunidade. Nunca o fiz, porque a partir de momento que o público me deu a possibilidade de optar, optei por fazer bem feito e, por isso, podem condenar-me por tudo, mas nunca por ser mau profissional ou por não levar o meu trabalho a sério. Isso é uma questão que eu finco e disso tenho a certeza, se não faço melhor é porque não sei. P: Como lida com a fama? R: Naturalmente, sem problemas. P: Com o assédio dos fãs? R: Já não sou assediado há muito tempo. Não há assédio, isso é ficção [risos]. P: No dia-a-dia precisa de andar com um segurança? R: Não. Contratei há cerca de três anos um rapaz que não conhecia de lado nenhum para fazer segurança a um dos meus filhos. Entretanto tornei-me amigo dele e passou a fazer também a minha segurança, mas acho que o trago por ser amigo dele, porque sinceramente não preciso. Portugal, felizmente, é um país muito tranquilo e tem um povo fantástico. Ainda no outro dia estávamos lá em casa com os produtores do David, que está a gravar um disco para o mercado francês, e fui com eles à rua, porque gosto de cozinhar e comprar as coisas. Eles ficaram admirados por andar sem preocupações na rua. Eu disse-lhe que Portugal era um país tranquilo e graças a Deus que isso se mantém. Há pessoas que são agressivas na rua, mas Portugal é um país fantástico. E não estou a dizer isto para ser politicamente correto, é mesmo verdade. As pessoas quando me abordam na rua fazem-no para dizer coisas bonitas. E não é à toa que os artistas internacionais, quando vêm a Portugal, adoram o nosso público. Exemplo disso são os Bon Jovi que JULHO 2013


vêm frequentemente a Portugal. O nosso país há 15 anos atrás não existia na rota dos concertos e agora não há um artista internacional que não goste de vir cantar a Portugal. A verdade é esta. P: Frank Sinatra nos Estados Unidos, Júlio Iglésias em Espanha e Tony Carreira em Portugal? R: Vou-lhe situar isto de outra maneira: Frank Sinatra nos Estados Unidos, Roberto Carlos no mundo e Tony Carreira em Portugal (e um bocadinho no mundo também). P: Vinte e cinco anos de carreira… Um quarto de século depois, o que é que gostava de dizer às suas fãs que nunca tenha dito? R: Ainda hoje acho que é maravilhoso “ganhar” a minha vida a cantar, porque não é uma coisa palpável, não dá para contabilizar. Acho maravilhoso que as pessoas me deem o privilégio e a honra de ser feliz na minha vida diária com canções, porque sem o público nada disto acontecia. Estamos a falar de um país muito pequeno, com cerca de 10 milhões de habitantes, mas que amo muito e um país no qual sou muito, muito feliz. Não trocaria este país por nenhum, é aqui que sou feliz. Quero, por isso, agradecer a este povo que fez de mim aquilo que eu sou. P: Olhando para trás, haveria alguma coisa que mudasse? R: Não mudava nada, porque nem que me arrependesse amanhã desta entrevista iria mudar o que acabei que dizer. Nunca me arrependo, porque sou muito sincero naquilo que faço. O que quero dizer é que há coisas lá para trás que, claramente, depois do que faço hoje, podia dizer que mudaria, mas não. A minha filha goza comigo quando me vê a cantar “Uma noite ao teu lado” no Festival da Canção de 1988, na Figueira da Foz, mas esse momento foi maravilhoso. Tenho muito orgulho em tudo o que fiz para trás. www.cnoticias.net

As mulheres da carreira de Tony O encontro deste ano, na Pampilhosa da Serra, foi repleto de emoções para as mais de mil fãs que estiveram com Tony Carreira. Uma autêntica romaria que não se vê com mais nenhum artista em Portugal, só com o "senhor Tony". Fotos de MCrespo Veja o vídeo em www.cnoticias.net

O cantor de sonhos fez questão de realizar o convívio anual de fãs deste ano, em que celebra os 25 anos de carreira, na Pampilhosa da Serra, vila que o viu nascer e crescer. Mas isso não demoveu as fãs, que vieram de todo o país. Madalena Vides é natural da cidade que é o berço de Portugal e segue os concertos de Tony Carreira desde 1995. "Ele tem um íman poderoso"afirma à C. Ela, assim como as outras fãs que estão na sua mesa - Lurdes Reis, Soraia Lopes, Maria José Azevedo, Adelina Pinto e Ana Brito - não param de gabar o "senhor Tony": "Ele é humilde e simples. Sentimo-nos muitos especiais quando ele vem ter connosco". Graça Mendes veio de Matosinhos e, tal como Madalena, participou no videoclip da música "O mesmo de 15


ARTES & CULTURA

sempre". Destaca o facto de se considerar "uma fã privilegiada. Já estive em palco com ele e também já participei no vídeo" realça a bancária que, só em 2011, assistiu a 22 concertos... "Fazer parte do videoclip dele foi muito bom. Ele é um artista muito especial e o que o torna diferente dos outros é o relacionamento que ele tem com as fãs" realça Madalena Vides. A paixão de Madalena e Graça é partilhada por milhares de mulheres portuguesas, que fazem verdadeiros sacrifícios para estarem em todos os concertos. Este foi apenas mais um. Elas conseguem contagiar os maridos e os filhos e chegam a fazer quilómetros para acompanhar o ídolo por todo o país... e mais além. Uma semana depois de nos dar esta entrevista, Tony Carreira atuou na Suíça. Nós soubemos nesse dia, mas grande parte das fãs já tinha bilhete para o concerto em Genebra. "Com ele vou para todo o lado. Pode estar a chover torrencialmente que nós (as fãs) não arredamos pé" afirma Graça Mendes. "Tony és essencial", "Por ti, vamos até ao fim do mundo" eram algumas das frases que se viam escritas em t-shirts, faixas e até, imagine, pintadas nas unhas das mãos. Tudo para mostrar 16

ao artista o imenso carinho que nutrem por ele. Ao longo do almoço-convívio, Tony Carreira fez questão de cumprimentar as suas fiéis seguidoras. "Nunca viu um espetáculo dele? Então vai ver hoje e acredite, a partir desse momento não vai querer perder nenhum espetáculo" diz, convicta, Madalena à jornalista da C. As fãs que vieram de Benedita não conseguiam esconder o entusiasmo de ter mais um autógrafo do cantor na faixa. "Já vamos na segunda faixa. A cada concerto que vamos pedimos para ele assinar e colocar a data e, como vê, esta também já está quase cheia" destacam orgulhosas. Enquanto falávamos com as fãs, o cantor continuava na sua visita, sempre com um sorriso nos lábios e uma palavra carinhosa a dizer. "No fim de uma semana cansativa de trabalho, assistir aos concertos dele liberta-me do stresse diário" esclarece Madalena Vides, garantindo: "ele não sabe o bem que nos faz". A C esteve presente do início ao fim do encontro. E se a princípio poderíamos estar um pouco incrédulos, no final ficámos rendidos às evidências: Tony Carreira é, sem dúvida alguma, "o fenómeno" que move multidões por onde quer que passe.

O encontro anual de fãs de Tony Carreira realizou-se no passado mês de maio na Pampilhosa da Serra, vila natal do cantor.

2013


www.edpdistribuicao.pt

é a nossa energia que leva um serviço de qualidade a todo o lado Investimos 4,3 mil milhões de euros nos últimos 12 anos na rede em Portugal Investimos, só na última década, uma média de 300 milhões de euros / ano

Atingimos o melhor índice de qualidade de serviço de sempre Diminuímos em 90%, nos últimos 12 anos, o tempo de interrupção de energia elétrica

De Norte a Sul, colocamos sempre os clientes no centro de qualquer decisão


ARTES & CULTURAagenda TEATRO

uma história de todos os tempos e, portanto, dos dias de hoje: “Momo, um rapazinho judeu de onze anos, torna-se amigo do velho merceeiro árabe da rua Bleue. Mas as aparências iludem: o Senhor Ibrahim, o merceeiro, não é árabe, a rua Bleue não é azul e o rapazinho talvez não seja judeu.”

COIMBRA Funerarium, de Nathalie

Albar 11/07 TAGV. Cinco pessoas vão passar a noite no salão da funerária municipal de Saint-Martind’Auxigny: Paul, o empregado de serviço da funerária recebe esta noite a visita intempestiva da sua prima Maria Carmen, em crise. Sasha et Hadrien reencontram-se no velório de um homem que não conhecem. A vizinha do falecido faz a sua aparição a meio da peça... Com legendas em português. 7€

COIMBRA “Que raio de mundo”pelo Teatro de Montemuro, 12/07 Pátio da Inquisição. “Que raio de mundo” tem encenação de Graeme Pulleyn e é uma divertida comédia para todos os públicos, “algures entre um concerto de música, um espectáculo de teatro físico e um surreal comício político de um partido que ainda não existe”.

COIMBRA “1325”, pela Peripécia

WORKSHOP

MARAVILHOSOS MORCEGOS Aventure-se num passeio noturno pela Mata Nacional do Buçaco para observar os morcegos, conhecer os seus hábitos e escutar as emissões ultra-sónicas. O workshop para estudar aqueles animais realiza-se no próximo dia 26 de julho, na Mata Nacional do Buçaco, no âmbito do programa “Buçaco ao Luar” e do Dia Nacional da Conservação da Natureza. Ponto de encontro: Convento de Santa Cruz do Buçaco 5€

GRÁTIS GUARDA Três dedos abaixo do joelho - Mundo Perfeito, 13/07, 21h30 TMG No arquivo da Torre do Tombo, Tiago Rodrigues encontrou um arquivo enorme da censura exercida sobre o teatro durante o regime fascista. Entre milhares de textos de teatro submetidos ao exame dos censores do Secretario Nacional de Informação, Tiago Rodrigues ficou particularmente interessado nos relatórios escritos pelos próprios censores onde explicam os cortes ou proibições de textos e encenações. A ironia por trás de Três dedos abaixo do joelho é que transforma os censores em dramaturgos, usando os seus relatórios como o texto de um espectáculo que é uma máquina de censurar poética e absurda. De alguma forma, aqueles que oprimiram a liberdade artística e política do teatro deixaram-nos uma herança que nos pode ajudar a redescobrir o perigo e a importância do teatro na sociedade. 6€

DESTAQUE

ARRUÍNADOS EM TRÊS ATOS O primeiro ato da peça decorreu na ruína do Convento da Trindade, em Coimbra

“O Sr. Ibrahim e as Flores do Corão”, pelo Teatro Meridional 16 e 17/07 Teatro da Cerca de São Bernardo. Em palco,

MONTEMOR-O-VELHO A Missão, a partir

de Ferreira de Castro. Conventos dos Anjos 26 a 28/07; 30, 31 e 01/09, sempre às 21h30- Uma produção CITEC.

Cultura, artes, eventos, espetáculos! Envie info por email para cult@cnoticias.net. Teremos todo o gosto em publicar (enviar até dia 20 a programação do mês seguinte)

DANÇA FIGUEIRA DA FOZ VIII Encontro

Após o primeiro ato no Convento da trindade em Coimbra,a ação decorre, agora, em Verride no Convento das Pretas e, mais tarde, no Porto Comercial da Figueira da Foz (terceiro ato), onde se conhecerá o desfecho desta produção de O teatrão. Com texto de Jorge Louraço e direção de Isabel Craveiro "Arruínados em três atos" conta a história do esforço de Coimbrinha, um jovem ator, em reunir uma companhia de teatro que se encontra desmembrada pela desilusão. COIMBRA

Teatro. 25 e 26/07, 21h30 Teatro da Cerca de São Bernardo. Encerrando a temporada, e também no âmbito da rede Culturbe, uma estreia na Cerca de São Bernardo: o Peripécia Teatro, de Vila Real, apresenta-se pela primeira vez na casa d›A Escola da Noite. Na bagagem traz “1325”, um espectáculo “livremente inspirado” no livro “1325 mujeres tejiendo la paz”. Em palco, três avós conduzem o público ao longo de uma narrativa centrada no activismo de algumas das mais célebres mulheres na história da humanidade: Rosa Parks, Aung San Suu Kyi, Aminetu Haidar, Wangari Maathai ou Graça Machel, entre outras.

ARRUÍNADOS EM 3 ATOS Verride (Convento das Pretas) 17, 18, 19, 20 e 21 de julho Figueira da Foz (Porto Comercial) 31 de julho, 1, 2 e 3 de agosto

Ibero-Brasileiro de Capoeira 13 e 14/07. Diversos locais da cidade. Promovido pela “Oficina de Ideias – Associação para o Desporto, Ambiente e Cultura da Pampilhosa e pelo Grupo Muzenza de Capoeira – Portugal e apoiado pela Câmara Municipal da Figueira da Foz, Centro Comercial FozPlaza, Agrupamento de Escolas Figueira Mar e Health Club Portugal, este encontro irá contar com a participação de mais de 100 praticantes de Capoeira, de entre os quais se destaca a Bicampeã Mundial de Capoeira.

COIMBRA La Valse / A Sagração da Primavera pela Companhia Nacional de Bailado, 16/07, 21h30 TAGV. Integrado no 5.º Festival das Artes A Sagração da Primavera faz 100 anos (1913-2013), e este programa da CNB celebra-os. A

As informações presentes nesta agenda não dispensam a consulta das programações oficiais. Os textos dos colunistas são livres e não refletem, de qualquer modo, as opiniões da REVISTA C.

18

JULHO 2013


DESTAQUE

KEANE

SÃO CABEÇA DE CARTAZ NA EXPOFACIC

O

Keane +Liquideep + D'Jay Rich e António Mendes 3/08 Cantanhede 9€

s Keane são a banda cabeça de cartaz da Expofacic 2013. A banda britânica sobe ao palco do Parque Expo-Desportivo de S. Mateus, em Cantanhede, a 3 de agosto, sábado, um dia antes do encerramento do certame, concretizando-se assim um antigo desejo da organização. A banda, que em 2012 lançou o seu último álbum, "Strangeland", afirmou-se na cena musical internacional em 2004, com "Hopes and Fears", álbum de estreia que incluía temas como Everybody's Changing, This Is The Last Time ou Somewhere Only We Know.

www.cnoticias.net

19


ARTES & CULTURAagenda força da coreografia de Olga Roriz e a excelência dos bailarinos da Companhia, como música da Orquestra Sinfónica Portuguesa, num raro encontro entre música e dança. Enquanto a obra coreografada por Olga Roriz apela à redenção e à confiança no futuro, a composição musical de Ravel é uma metáfora à decadência após a Primeira Guerra Mundial que João Botelho e Paulo Ribeiro transpõem para a actualidade, fiéis à ideia do compositor que denominara de poema coreográfico esta sua criação. 12€

Deolinda

COIMBRA Nice Weather for Ducks 13/07, 22h, FNAC. Os Nice Weather For Ducks são um grupo de amigos na casa dos vinte anos. Confessam-se viciados em canções de todos os géneros e feitios. Trata-se do resultado de uma geração que cresceu no fervilhar de influências de bandas tão díspares como Vampire Weekend, Foals, Animal Collective, Joy Division, Parenthetical Girls, Fleet Foxes, Yeasayer ou Arcade Fire.

Ana Moura

FESTIM H’Sao (Chade) 25/07 –

CALDAS DA RAINHA “O Lago dos Cisnes”, pela Companhia Nacional de Bailado. 19/07, 21/03. Grande Auditório do Centro Cultural e de Congressos de Caldas da Rainha

COMÉDIA AVEIRO O Guru 20/07, 22h Teatro Aveirense. Uma comédia encenada por José Pedro Gomes e com a interpretação de Rui Unas, Custódia Gallego, Heitor Lourenço e Susana Mendes. Faltam três dias para a Ministra das Finanças, Helena Pinto Macedo, apresentar o Orçamento do Estado, na Assembleia da República, mas a Ministra sente-se incapaz de o fazer. Sente que “algo superior” a está a impedir de tomar decisões. E se, nas alturas mais difíceis, sempre pôde contar com o seu marido (e deputado da oposição), Luís Macedo, desta vez, não pode. O seu casamento está por um fio.

POP / ROCK / JAZZ COIMBRA First Breath After

Coma – 07/07 17h, FNAC Showcase da banda leiriense. A banda surgiu em 2012 e revela uma maturidade composicional pouco comum para uma formação com músicos ainda tão jovens. São uma lufada de ventos frios que vem da Islândia, adensa nos trópicos e acaba nas praias quentes das Caraíbas.

20

Ala dos Namorados

Casino Figueira Verão em cheio

Pole Dance Show

Casino recebe, ainda, Marta Gautier para"perceber as mulheres. Mas só um bocadinho..."

O Casino Figueira, na Figueira da Foz preparou um cartaz diversificado para as noites de verão que se prevêem bastante participadas. Os espetáculos decorrem no Salão Caffé e nalguns casos pode usar os pontos do seu cartãoCFC para adquirir bilhetes. JULHO Dia 12 | 23h : JOEL XAVIER - “ALEGRIA” | Tour 2013 | 15 € Dia 19 | 23h : NÃO HÁ EUROS PARA NINGUÉM Teatro de Revista Dia 20 | 23h : DEOLINDA – “Mundo Pequenino” | 15 € Dia 26 | 23h : ALMA de COIMBRA | 15 € Dia 27 | 23h : MARCO RODRIGUES - “EntreTanto” | 12 € AGOSTO Dia 9 | 23h : ANA MOURA – “Desfado” | 15 € Dia 15 | 23h : ALA DOS NAMORADOS - "Razão de Ser" | 15 € Dia 17 | 23h : JOANA AMENDOEIRA - "Amor Mais Perfeito" | 12 € Dia 22 | 23h : LUÍSA SOBRAL | 10 € Dia 23 | 23h : POLE DANCE SHOW... Love Dia 24 | 23h : “KINGS OF DANCE” – O Melhor da Dança | 15 € DIA 31 | 23h : ANDRÉ INDIANA

Águeda; 26/07 Aveiro - Da aridez do deserto do Chade, no centro de África, chega-nos a cumplicidade a 4 vozes dos H’Sao. Em estreia absoluta em Portugal, estes irmãos e amigos de infância cruzam na perfeição os ritmos afro com o jazz e o gospel. Alternam um impressionante registo a capella com o virtuosismo enquanto instrumentistas. A intensidade e energia vital das suas performances fazem de H’Sao a grande revelação da francofonia africana. Afro-pop a vozes para fechar, da melhor forma, o Festim 2013!

CLÁSSICA AVEIRO As Bodas de Fígaro, 27/07,

21h30, Teatro Aveirense Uma das óperas mais populares de Mozart aqui apresentada como resultado do Curso Internacional de Música Vocal da Orquestra Filarmonia das Beiras. 8€

ÓBIDOS XVIII Semana

Internacional de Piano de Óbidos. Concertos no Auditório Municipal da Casa da Música. De 26/07 a 04/08. Mais informações em www.pianobidos.org

WORKSHOPS / OFICINAS / CURSOS MEALHADA Oficinas de Ferro

Forjado 07/07 Aprenda a trabalhar o Ferro Forjado, na Mata do Buçaco, com o artista do Reino Unido JULHO 2013


Junto ao edifício Metropolis, na Gran Via, a artéria mais cosmopolita da capital espanhola.

Mariana à conquista de Madrid Jovem fadista esteve em destaque no III Festival de Fado de Madrid. A C acompanhou a cantora da Praia de Mira nesta visita ao país vizinho. POR BRUNO VALE Declaração de interesses: já conhecemos a Mariana desde o tempo em que, com 12 anos, venceu o passatempo "Achas que sabes cantar?" e foi considerada a melhor voz do distrito de Coimbra. Três anos depois, esta jovem, natural da Praia de Mira, entrou no circuito dos fados. Quando soubemos que a Mariana iria estar a atuar três dias seguidos em Madrid, fizemos as malas. O Festival de fado de Madrid, uma organização da produtora Everything is New, transformou o terraço do ABC Serrano, numa espécie de mostra em registo best of de coisas portuguesas: as coisas que se bebem (lá estavam os vinhos da bairrada e o Licor Beirão), as coisas que se usam (lá estavam novos estilistas da filigrana ou da cortiça) e as coisas que se comem. E as coisas que se comem, mais que portuguesas eram bem gandarezas: a equipa de cozinha comandada pelo Chef Fernando Heleno do restaurante Baga (Coimbra) era do Curso Profissional de Técnico de Cozinha/Pastelaria do colégio de Calvão, Vagos. Naquela noite, o desafio era preparar uma receita de bacalhau fresco sob orientação de um Chef espanhol. Mas vamos aos fados: a organização promovia uma réplica de uma casa de fados lisboeta e programou para os três dias do evento um conjunto de atuações dos mais novos e importantes nomes do fado. Kátia Guerreiro, Camané, José Manuel Neto atuavam no auditório. Cuca Roseta, Micaela www.cnoticias.net

Vaz, Lina Rodrigues, Miguel Capucho, Ricardo Ribeiro e Mariana eram as estrelas da "casa lisboeta".

A voz do mar A sala, cheia, num falado rápido e alegre de castelhano, lá ia sossegando um pouquito para ouvir as atuações... uma espanhola que cantava fado, em português, mas também um trio norte-americano que se apaixonou por este "timbre triste que também se dança". O jantar ia sendo servido, com notas de alegria (já muito bairrada) e aquele tagarelar de fundo sempre presente... Iniciou Pedro Calado, uma boa voz, cantou corridinho. Seguiu-se Micaela Vaz, uma fadista mais séria e soturna (e os espanhóis que não se calam!). Pausa para troca de músicos. Entra Mariana, com direito a quatro fados. Mariana canta fado porque o fado lhe canta bem. Na sala... o silêncio era total... nem um talher se mexeu. Miguel Capucho, Quatro fados de Mariana para Mariana provar a todos que a voz com e Cuca que canta o fado é a voz do Roseta mar português, da Praia de Mira, batido, duro. São só quinze anos. Mas entre fados e sorrisos Mariana ganhou aos espanhóis o silêncio com que se deve, sempre, começar uma grande atuação. Trabalho de estreia será apresentado no próximo dia 21 de julho, pelas 22 horas, com entrada gratuita, no Casino Figueira.

Mariana com os seus músicos Miguel Gonçalves e Armindo Fernandes


ARTES & CULTURAagenda a jovens músicos de todo o País, o conhecimento de novas realidades por parte dos músicos Goienses, bem como a divulgação e promoção da Vila de Góis.

A Câmara Municipal da Figueira da Foz pretende relançar a Gala Internacional dos Pequenos Cantores, realizando a sua 25 ª Edição em 11 de agosto de 2013.

LIVROS FIGUEIRA DA FOZ “Feira do Livro e

Steve Jones, e leve para casa a peça criada por si. Combinando as técnicas tradicionais do ferreiro com o instinto contemporâneo de Steve Jones, trabalhar o ferro será a melhor forma de descontrair aos domingos. A Fundação Mata do Buçaco propõe uma tarde de domingo diferente. Participe na oficina de Steve Jones e aprenda as técnicas tradicionais para trabalhar o ferro! Mais info 231 937 000 ou atividades@fmb.pt 25€ GUARDA Musicar e Experimentar

– Oficina de Verão 10 a 17/07, TMG “Musicar e experimentar” é uma oficina lúdica que procura mostrar como a tecnologia permite criar sons e música. Com o recurso a instrumentos e equipamentos especiais, as crianças irão experimentar sons bem divertidos e criativos. SANTA COMBA DÃO Academia

Artística de Verão 15 a 18/07. A Academia Artística de Verão 2013 promove um conjunto de ateliers nas áreas da música e do teatro destinadas à ocupação de tempos livres de crianças e jovens. MEALHADA Workshop

Maravilhosos Morcegos, 26/07, 21h30 – 00h00 Mata do Buçaco Aventure-se num passeio noturno pela Mata Nacional do Buçaco para observar os morcegos, conhecer os seus hábitos e escutar as emissões ultra-sónicas. O workshop para estudar aqueles animais realiza-se no próximo dia 26 de julho, na Mata Nacional do Buçaco, no âmbito do programa “Buçaco ao Luar” e do Dia Nacional da Conservação da Natureza. Ponto de encontro: Convento de Santa Cruz do Buçaco

5€ GÓIS IV Estágio de Orquestra

de Sopros. 5 a 10/08, em Góis. O projeto surgiu de uma conversa informal de amigos com a finalidade de juntar jovens músicos de todo o país constituindo-se assim, uma Orquestra de Sopros que permitisse a execução de repertório em conjunto (Orquestra) e por pequenos grupos (música de câmara) em diversas apresentações. O Estágio vai na quarta edição e visa, para além de proporcionar uma semana de lazer e trabalho musical

22

A viagem do Elefante Espetáculo teatral de rua do Trigo Limpo teatro ACERT em coprodução musical com Flor de Jara (Espanha) . Parceria Fundação José Saramago "SEMPRE CHEGAMOS AO SÍTIO AONDE NOS ESPERAM" Foi este o pulsar afetivo que gerou no Trigo Limpo teatro ACERT a ideia da montagem teatral do conto de José Saramago. Primeiro, a paixão compartilhada pela leitura. Depois, as visões encantatórias que faziam de cada momento lido um momento teatral. Tudo mexia. Os personagens passaram a conviver connosco e a segredarem-nos intenções de saírem do conto para lhes darmos vida. O elefante Salomão povoava-nos sonhos e dava-nos carícias de uma humanidade singular. Agigantá-lo seria um justo merecimento. José Saramago semeava em nós o prazer duma aventura imaginosa e arrojada. Tão somente o escutámos: “As pessoas não escolhem os sonhos que têm, São, pois, os sonhos que escolhem as pessoas”. A produção estreou em Figueira Castelo Rodrigo e segue, agora, em digressão. DIGRESSÃO: PINHEL, 13/07, 21:30 Largo dos Combatentes; SORTELHA, 27/07, 21:30 Largo do Corro; FUNDÃO, 2/08; CASTELO BRANCO, 31/08; TONDELA, 7 e 8/09; LISBOA 14 e 15/09; RIVAS-VACIAMADRID 21/09

das Artes” 5/08 a 8/09 Pavilhão Multiusos Municipal – Parque da Avenida de Espanha 10h00 às 24h00. A Divisão de Cultura da Câmara Municipal da Figueira da Foz, em parceria com a Calendário de LetrasImportação e Exportação Lda, vai promover, pela primeira vez, a  “Feira do Livro e das Artes”, no Mercado Provisório. Nesta iniciativa estarão representadas dezenas de editoras com milhares de livros, de temáticas diversas. “Um Mar de Livros” à sua espera! Paralelamente irá decorrer uma Feira de Artesanato, representativa do melhor que os nossos artesãos criam por este pais fora. Ao longo deste evento realizar-se-ão diversas atividades lúdicas, encontros com escritores, “hora do conto às quintas-feiras”, apontamentos musicais, pintura ao vivo,  que conta com a participação da Magenta – Associação dos Artistas pela Arte e Associação da Amizade e das Artes Galego Portuguesa, bem como exposições de fotografia e pintura, entre outras iniciativas.

EXPOSIÇÕES LOUSÃ Exposição de brinquedos

tradicionais Portugueses, 01/07 a 31/07 Sala de Exposições Temporárias do Museu Etnográfico Dr. Louzã Henriques. Inauguração dia 06/07 Com palestra proferida pela Dr. Louzã Henriques sobre o tema da exposição.

Exposição Internacional de Arte Contemporânea 6/07 a 25/08 Museu Municipal Santos Rocha. O Museu Municipal recebe, durante os meses de julho e agosto a exposição internacional de arte contemporânea “From L’Agenzia Di Arte With Love”. Esta mostra integra trabalhos de artistas plásticos de inúmeros países, nomeadamente: Portugal, Holanda, Áustria, Itália, Rússia e Brasil. Obras de nomes como Andrea Pierus, Aucta, Duarte, Brighart, Carla Taveira, Fraguial, Francisco Urbano, Isaura Figueiredo, Léa Dray, Maria Emília Amaral, Massimo Bardi, Renato Araújo, Olessia Stroeva, Patty Silva, Santiago Ribeiro, Teresa Duarte, Victor Costa e Vítor Lages poderão ser apreciadas pelos visitantes, numa mostra única. GRÁTIS

FIGUEIRA DA FOZ

JULHO 2013


DESTAQUE

Figueira da Foz com festival multidisciplinar A Figueira da Foz vai receber a primeira edição do Fusing, evento que promete fundir quatro áreas — Música, Arte, Desporto e Gastronomia — para uma experiência única de verão. No Fusing, que decorre entre 1 e 4 de agosto, poderão assistir a uma etapa do circuito nacional de snowboard urbano ou surf noturno, provas de showcooking móvel numa bicicleta, workshops gastronómicos e intervenções urbanas de artistas como Mário Belém ou Kruella D’Enfer. Ao nível musical, estão já confirmados 35 nomes nacionais como Orelha Negra, PAUS, Linda Martini, Frankie Chavez, Noiserv, Memória de Peixe, Dj Ride e Moullinex Live. Mais informações em www.fusing.pt.

PUB

www.cnoticias.net

23


NOME SECÇÃO agenda ARTESDA & CULTURA

A Sagração da Primavera

Cuca Roseta

Festival das Artes = Natureza Fundação Inês de Castro volta a repetir programação eclética num festival tanto de urgente como de imprescindível. PROGRAMA José Miguel Júdice Fundação Inês de Castro

Como se cruza este festival com a missão da Fundação Inês de Castro? Para além de manter, preservar e projetar no futuro a história dos amores de Pedro e Inês - um dos temas fundadores da cultura portuguesa - a fundação tem, também, uma componente cívica, de mecenato, ela própria, cultural. O festival é a tradução desse espírito. E é, também, uma forma de abrir o espaço (Quinta das Lágrimas) a todos quantos a queiram usufruir. A gastronomia é uma arte? Hoje em dia é considerada inequivocamente pelos meios culturais, uma das artes cimeiras da cultura do mundo. Infelizmente em Portugal não é ainda tratada como arte. Aliás, desde sempre, comer esteve associado a acontecimentos artísticos. O que é que a Fundação Inês de Castro pode fazer por Coimbra património da Humanidade? Para além do património edificado a UNESCO veio a distinguir a realidade imaterial de Coimbra enquanto lugar de construção da Cultura. Tenho realmente pena que a classificação não se tenha estendido para o outro lado do rio, onde estão elementos cruciais do património imaterial da Universidade e de Coimbra. Contudo a fundação está muito contente com a distinção, sente-se muito estimulada com esta vitória de Coimbra, razão pela qual o tema do festival do próximo ano será “Coimbra e Universidade, património cultural da humanidade. Que evento destaca no festival? Tenho dito que um dos eventos cimeiros do festival será a leitura do "Sermão de Santo António aos Peixes". O tema não pode ser mais atual... um jesuíta (como o atual papa) que fala essencialmente de injustiças! É um momento de cidadania poder ouvir o sermão. Vai ser um murro no estômago! E um murro no estômago que só nos vai fazer bem.

24

16/07 CICLO DAS ARTES PLÁSTICAS

CAV (Centro de Artes Visuais) - De 13 de Julho até 29 de Setembro - “Território Comum” - Imagens do Inquérito à Arquitectura Regional Portuguesa, 1955—1957. Exposição produzida pela Fundação EDP e comissariada por Sérgio Mah. CICLO DAS ARTES PLÁSTICAS

18h00 — CAPC (Centro de Artes Plásticas de Coimbra), Jardim da Sereia. Até 2 de Novembro (encerrado em Agosto) “Marcas (In)visíveis” Ou a queda numa trama de dupla exposição. Rodrigo Oliveira CICLO DAS ARTES DO PALCO

21h30 — Teatro Académico de Gil Vicente. Companhia Nacional de Bailado. “La Valse” - Curta metragem. João Botelho, realização. Paulo Ribeiro, coreografia Maurice Ravel, música (versão da Orchestre du Théâtre des Champs-Élysées sob a direcção do Maestro Pedro de Freitas Branco – Paris, 1953). Com os bailarinos da Companhia Nacional de Bailado “A Sagração da Primavera” Bailado. Olga Roriz, direcção/coreografia. Igor Stravinsky, música. Pedro Santiago Cal, cenografiaOlga Roriz e Pedro Santiago Cal, figurinos. Clemente Cuba, desenho de luz

17/07 SERVIÇO EDUCATIVO

11h00 — Jardins da Quinta das Lágrimas ( Repete no dia 23) “O Jardineiro do Sol” teatro para a infância, Pela Camaleão

Alarcão. Exposição patente até 14/09 CICLO DA GASTRONOMIA

20h30 — Quinta das Lágrimas - "3 Chefs, 3 Amigos Cozinham na Natureza” Albano Lourenço, Joachim Koerper e José Cordeiro CICLO DO CINEMA

21h00 — Conservatório de Música de Coimbra. "Derzu Uzala” (“A Águia das Estepes”, 1975). António Mega Ferreira comissário. Akira Kurosawa, realização. Com Fila K Cineclube

18/07 SERVIÇO EDUCATIVO

16h00 — "Paisagens da Escrita” Workshop com Mário Cláudio. Casa da Escrita; Duração: 3 horas com intervalo. Número máximo de participantes: 20 Inscrições: casadaescrita@ cm-coimbra.pt CICLO DA MÚSICA

18h30 — Anfiteatro da Colina de Camões. "Os Sinos da Macieira” - Orquestra Clássica do Centro. Ópera em estreia para orquestra, soprano, meio-soprano, tenor, barítono e coro

CICLO DAS CONFERÊNCIAS

22h30 — Quinta das Lágrimas . “Energia: Mitos e Realidades do Sector” Orador: António Mexia, Presidente do Conselho de Administração Executivo da EDP – Energias de Portugal

SERVIÇO EDUCATIVO

11h00 — Museu da Ciência; Ciência em Família “Descobre a Natureza Animal” Reúna a sua família, colegas e amigos, e descubra a natureza animal! CICLO DA MÚSICA

18h00 — Partida: Cais de Embarque (Parque Dr. Manuel Braga); Nota: Repete no dia 21 . “Basófias” Mariana Keating, voz; Tiago Cristóvão, guitarra; João Valença, contrabaixo CICLO DA MÚSICA

21h30 — Anfiteatro da Colina de Camões. “Sermão de Santo António aos Peixes” de Padre António Vieira. Que se Há-de Fazer a Esta Terra… João Reis, leitura encenada. Marcelo Félix, vídeo

19/07

21/07

SERVIÇO EDUCATIVO

CICLO DA MÚSICA

CICLO DAS ARTES DO PALCO

18h30 — Jardins da Quinta das Lágrimas “Sabores da Natureza”. Nos jardins de Pedro e Inês o Chef Albano Lourenço cozinha sabores da natureza . Workshop de gastronomia com Albano Lourenço CICLO DA MÚSICA

21h00 — Anfiteatro da Colina de Camões . “Sonho de Uma Noite de Verão”, Orquestra Gulbenkian.

22h30 — Quinta das Lágrimas "Ecologia, Natureza e Estética” Oradoras: Professoras Helena Freitas, Teresa Andresen e Cristina Castel-Branco, responsáveis pelo Doutoramento em Arquitectura Paisagista e Ecologia Urbana das Universidades de Coimbra, Porto e Lisboa e directoras do Programa Link.

22/07 CICLO DA MÚSICA

20/07

21h00 — Anfiteatro da Colina de Camões . “Os Pássaros” Orquestra Metropolitana de Lisboa: WOLFGANG AMADEUS MOZART - Sinfonia N.º35 em Ré Maior, “Haffner”; OTTORINO RESPIGHI “Gli Uccelli” (Os Pássaros); JOSEPH HAYDN - Sinfonia N.º 83 em sol menor, “A Galinha” .

CICLO DAS ARTES PLÁSTICAS

18h00 — Edifício Chiado. “As Pontes de Coimbra que se Afogaram no Rio” Visita comentada pelo Professor Doutor Jorge

IGOR STRAVINSKY “Pulcinella” – Suite de bailado; FELIX MENDELSSOHN-BARTHOLDY ”Sonho de Uma Noite de Verão” – Música de Cena

21h00 — Anfiteatro da Colina de Camões; “As Flores” Orquestra de Câmara Portuguesa: WOLFGANG AMADEUS MOZART - Abertura da Ópera “Idomeneo”; JEAN FRANÇAIX - “L’horloge de Flore” – Concerto para oboé e orquestra; LUDWIG VAN BEETHOVEN - Sinfonia N.º 7 em Lá Maior CICLO DAS CONFERÊNCIAS

18h30 — Anfiteatro da Colina de Camões "Concerto para a Juventude" – Entrada Livre . Conservatório de Música de Coimbra. Obras de Percy Grainger, Maurice Ravel, Bert Appermont, Alfred Reed e Kees Vlak. Orquestra de Sopros do Conservatório de Música de Coimbra; José Pedro Figueiredo, maestro CICLO DA MÚSICA

21h00 — Anfiteatro da Colina de Camões. "Pastoral” Recital de piano. António Rosado: LUDWIG VAN BEETHOVEN - Sonata para piano nº15 em Ré Maior, “Pastoral”; FRANZ LISZT - Anos de Peregrinação, Suíça”; Valée d’Obermann - Au Bord d’une Source ; CLAUDE DEBUSSY - Caderno de Prelúdios

23/07 CICLO DO CINEMA

18h30 — Conservatório de Música de Coimbra "L’ours” (“O Urso”, 1988). António Mega Ferreira comissário. Jean-Jacques Annaud, realização. Com Fila K Cineclube CICLO DA MÚSICA

21h30 — Anfiteatro da Colina de Camões. “Cordis & Cuca Roseta”.Cordis: Paulo Figueiredo, piano; Bruno Costa, guitarra portuguesa, Cuca Roseta, voz. Opus Quatro, quarteto de cordas

JULHO 2013


“Lousã, 5 séculos de memórias” até 31/08. Átrio do Edifício dos Paços do Concelho. Exposição de Fotografia.

POMBAL Exposição de Arte Sacra

Pausas, de Teresa Jané e Helena Jané cerâmica portuguesa contemporânea até 31/08. Galeria comendador João Martins. As irmãs Teresa e Helena Jané encontram-se no âmbito da cerâmica contemporânea de autor, assinando THJané. “Entre o sol e a sombra”, por vezes à desgarrada, constroem peças únicas que revelam o genuíno e o temperamental. Do desenho à pintura, da escultura à tecelagem, livremente, sem preconceito. Pausas? Trabalho. Interrupção ou silêncio

de Virgínia Estorninho, até 14/07 Claustro dos Paços do concelho.

GUARDA Tornar-se Principiante,

de Mariana Fernandes. De 2 a 21/07. Café Concerto do TMG. “Não consigo imaginar um saber mais sagrado do que este: O homem deve tornar-se um principiante. O que escreve a primeira palavra de uma tirada secular.” in Notas sobre a melodia das coisas de Rainer Maria Rilke. Mariana Costa Fernandes nasceu em 1990. Em 2008, concluiu o Curso Artístico Especializado de Produção Artística com especialização em Cerâmica. Em 2011 – Finalizou a Licenciatura em Escultura na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. GRÁTIS

LOUSÃ

PROENÇA-A-NOVA Exposição

LOUSÃ Exposição de Pintura de

Paula Piedade 01 a 31/08 Sala de Exposições Temporárias do Museu Etnográfico Dr. Louzã Henriques. PROENÇA-A-NOVA Tarefas Da

Vida Rural, Rota do Linho, de 1 a 31/08. Pintura de Manuel Ribeiro. O conjunto de 14 quadros retrata as várias tarefas associadas ao tratamento do linho, em paisagens que mostram os Carregais, com a serra das Talhadas como fundo. Do arado a rasgar a terra à dobadoira a fazer girar as meadas, os pormenores são enquadrados no ambiente bucólico da aldeia.

LEIRIA SERGE GAINSBOURG

Fotografias de Tony Frank até 31/07 Uma seleção de momentos que revelam um lado mais íntimo e apresentam fragmentos do universo familiar e profissional de um artista desaparecido há mais de 20 anos.

FIGUEIRA DA FOZ Sardinha - Uma

exposição das profundezas do mar até à mesa exposição de Filipe Couto l Núcleo Museológico do Mar até 31/08 Filipe Couto, um jovem de 26 anos, escolheu a sardinha como tema da sua tese de mestrado da Faculdade de Letras da Universidade do Porto. O resultado da pesquisa irá estar disponível aos olhos do público, no Núcleo Museológico do Mar, para que os mais novos conheçam a importância da sardinha, desde a sua captura até à chegada ao prato. Até final de agosto, cerca de 70 peças das áreas do artesanato, pintura, fotografia e desenho mostram o percurso da sardinha das profundezas dos oceanos até a mesa portuguesa, passando pelas redes dos pescadores, da sua venda e a sua transformação na indústria conserveira. GRÁTIS

www.cnoticias.net

Pathé Frères 1908-1911 Fotografias da Coleção da Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema até 25/09 FNAC. A FNAC, em parceria com a Cinemateca, expõe 19 fotografias de filmes produzidos ou comercializados pela empresa Pathé Frères entre 1908 - 1911, em novas impressões a partir dos negativos de época. Um tesouro para cinéfilos e entusiastas da arte de fotografar.

COIMBRA

FOTOGRAFIA COIMBRA Wip Work In Progress, 12/07, 21h, Casa das Caldeiras Exibição de projetos fotográficos resultantes do workshop de

UM LIVRO... UM AUTOR

As Minhas Lembranças Observam-me, de Tomas Tranströmer

S

entimo-nos sempre mais novos do que somos”. Quem o afirma é um sexagenário que, mais do que evocar lembranças da infância e da juventude, prefere que elas o observem. Ao longo das poucas páginas em que condensa esses primeiros anos da existência, o poeta Tomas Tranströmer vai colecionando recordações, com o mesmo zelo e com a mesma dedicação com que, outrora, colecionou insetos, criando o seu próprio museu de experiências, aparentemente banais, de conforto e alegria, mas também de sofrimento e desespero. Para as primeiras, muito contribuíram a compreensão da mãe, o carinho do avô, o fascínio por museus e bibliotecas e a certeza instintiva de que, durante a Segunda Guerra Mundial, a “história escrita pelos Aliados não podia ser posta em causa”; as segundas são marcadas pelo divórcio dos pais, pela rigidez dos professores, pela aflição de se sentir perdido na cidade e pela angústia da doença. As aulas de latim, pautadas pelo contraste entre a luminosidade de qualquer texto horaciano e o prosaísmo da sua tradução, ensinaram-lhe a condição da poesia e da vida: “Essa alternância entre o medíocre e o trivial e o vigoroso e o sublime ensinou-me muito. Era a condição da poesia. Era a condição da vida”. Em Horácio via um contemporâneo que o influenciou: “Mais ou menos por essa altura, duas formas estróficas de Horácio, a sáfica e a alcaica, fizeram a sua entrada na minha escrita”.

As Minhas Lembranças Observam-me Autor: Tomas Tranströmer Editora: Sextante Editora ISBN: 9789720071767 FNAC: 13,30 €

FOTO DR: ULLA MONTAN/ALBERT BONNIERS FÖRLAG

COIMBRA “Encontros em Coimbra”, pintura de Lopes de Sousa. Até 20/07. Casa da Mutualidade, Galeria de Arte e Centro de Mutualismo.

Tomas Tranströmer, prémio Nobel da Literatura em 2011

Com uma concisão comum à sua poesia, Tomas Tranströmer, escritor sueco galardoado com o prémio Nobel da Literatura em 2011, dá a conhecer, em As Minhas Lembranças Observam-me (tradução de Ana Diniz), os múltiplos rostos que o tempo foi imprimindo no seu ser, “como a árvore tem os anéis da sua idade”. Este texto sintético, publicado pela Sextante Editora e com um posfácio de Pedro Mexia, é ilustrado com imagens do autor e de alguns dos seus manuscritos. A breve antologia dos seus primeiros poemas (tradução de Alexandre Pastor) que segue essa narrativa autobiográfica poderá servir de pretexto para a descoberta do universo poético de Tranströmer. Margarida Cardoso 25


ARTES & CULTURAagenda fotografia do espetáculo, seguido de conversa com o público. Escola Informal de Fotografia do Espetáculo

FILMES

Festival do Croché Social

Gravuras de Vieira Da Silva

NA C ADORAMOS ESTA IDEIA

COIMBRA Ciclo Nanni Moretti

até 15/07 Fnac Antecipando as comemorações do aniversário de Nanni Moretti, que festeja 60 anos em Agosto, a FNAC apresenta uma seleção de filmes do realizador italiano, reconhecido pelo uso provocador que faz da ironia e do sarcasmo. Em destaque : Querido Diário, que conquistou o Prémio de Melhor Realização no Festival de Cannes; O Quarto do Filho, vencedor da Palma de Ouro em Cannes e O Caimão que recebeu o Prémio David di Donatello, o mais importante galardão cinematográfico de Itália. Consulte o calendário. COIMBRA Extensão do 21º Curtas Vila do Conde, 17/07, 21H30 TAGV Como habitualmente, o festival prepara-se para uma edição forte, apostando em várias estreias internacionais e no cruzamento entre o cinema e as outras artes. Mais uma vez em Coimbra, a convite do Teatro Académico Gil Vicente, o Curtas Vila do Conde apresenta em extensão alguns dos melhores filmes apresentados nesta edição do festival. 4€

Até 15/07. Galeria de Arte. Teatro Municipal da Guarda. Grátis.

Até 31 de agosto. O “1.º Festival do Croché Social” é promovido e organizado pela Câmara Municipal de Coimbra, com a parceria direta de de 40 IPSS envolvendo cerca de 2.000 utentes/colaboradores/familiares e vizinhos criando peças artísticas de croché para aplicação em espaço público. A ação pretende envolver a maioria das IPSS e outras organizações da cidade colocando peças de croché multicolorido em árvores e objetos urbanos. A cidade de Coimbra serve de cenário.

COIMBRA Montemor, de Ignasi

Duarte, 22/07, 21h30. O filme Montemor, uma produção Citemor, rodado em Montemor-o-Velho e protagonizado por actores e habitantes da vila, foi convidado a integrar a Selecção Oficial da Competição Internacional do FID Marseille 2012. 4€

O Corço é o animal do mês do Parque Biológico da Serra da Lousã. Excelente oportunidade para visitar este espaço magnífico de biodiversidade.

26

OUTROS MEALHADA Campo de Trabalho

– Controlo de Invasoras 27/07 a 02/08 A Fundação Mata do Buçaco e o Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro organizam um campo de trabalho voluntário para controlo de espécies invasoras na Mata Nacional do Buçaco. Público-alvo: profissionais e estudantes de ciências da vida, florestais, agrárias, do território e do ambiente; particulares interessados no controlo de invasoras. Inscrições até 15 Julho pelo atividades@fmb.pt

A Fundação Arpad Szenes – Vieira da Silva conta no seu espólio com uma significativa colecção de gravura de Maria Helena Vieira da Silva. De um conjunto de 286 gravuras foram seleccionadas 33, pela sua representatividade técnica – abrangem desde o buril à águatinta, serigrafia e litografia; pela sua data de produção, que vai dos anos 1960 a 1991, ou seja, todo o período de maturidade da artista; e ainda pela sua diversidade temática e plástica, de representações mais abstratas a representações figurativas, todas elas resultantes de um similar percurso da artista na pintura. Este conjunto que aqui se apresenta é, deste modo, um percurso gráfico revelador de um outro percurso, o pictórico. Tratando-se de múltiplos e obras sobre papel e, consequentemente, emolduradas sob vidro, é mais fácil a sua itinerância e a sua exposição em pequenas galerias e espaços culturais, dando a conhecer a todos os públicos a obra da maior artista plástica portuguesa do século XX .

"SILÊNCIO INSURRECTO" Recital de poesia. A proposta estética dos recitais de ocupação situa-se na fronteira entre o dizer da poesia e a encenação do texto poético. Nessa fronteira, é o espaço em que o espectáculo acontece que indica coordenadas para as opções dramáticas. Por outro lado, ao espectador é feito o convite para, guiado pela poesia, percorrer fisicamente os lugares, como um ativista de ocupação de um espaço à procura de ser habitado. Para este projeto, enfim, uma mesma necessidade se nos impôs - que, hoje, de novo, o silêncio da poesia seja um grito de revolta – silêncio insurrecto. Casa da Escrita. 18 e 19 de julho de 2013. 21h30


Tรกbua

Concelho ! a d i v ) n ( o C


ESTILOstreetstyle por MACC

MARIA VILHENA

27 ANOS, DESIGNER DE INTERIORES, ANADIA CALÇAS: PULL&BEAR TOP: PULL&BEAR SANDÁLIAS: SEASIDE ÓCULOS: CARRERA

BEATRIZ PESSOA

18 ANOS,  ESTUDANTE, COIMBRA CASACO: BERSHKA SAIA: BERSHKA TOP: ZARA CARTEIRA SHOPPER: MANGO

28

VALENTINA SCALIONI

23 ANOS, ESTUDANTE ERASMUS, MODENA (ITÁLIA) TÉNIS: MAU FEITIO QUIMONO: LEFTIES BRINCOS: EM LOJA VINTAGE (ANOS 30)

BRUNA CORBY

18 ANOS. ESTUDANTE AVEIRO BLAZER E T-SHIRT: ZARA CALÇÃO: TOPSHOP SANDÁLIA E CARTEIRA: PRIMARK JULHO 2013


ESTILOtendências

#Padrão

por MACC

STRADIVARIUS 12,95€ (cada peça)

#Hippie MANGO 8,99€ BLANCO 9,99€ (em saldo)

7,99€

BLANCO 12,99€

STRADIVARIUS 12,95€ (cada peça)

H&M 19,95€

3

STRADIVARIUS 29,95€

12,95€

ALPERCATAS STRADIVARIUS 19,95€

TENDÊNCIAS DE

#Lingerie

Biquínis

TOALHA DE PRAIA BLANCO 11,89€ (em saldo)

H&M 19,95€

H&M 7,95€

BLANCO 14,99€

BLANCO 14,99€

ZARA 15,95€

A cor vai abundar nas praias este verão. As grandes tendências são o hippie, os padrões florais e a inspiração lingerie, com cortes sexy e copas push-up. As franjas e os folhos vão aparecer em força este ano, recriando looks mais étnicos ou girly.

BLANCO 16,99€

H&M 9,95€

12,95€

PARFOIS 29,99€ H&M 6,95€

H&M 14,95€

9,95€

MAXI CARTEIRA MANGO 14,99€ (em saldo)

ZARA 15,95€


ESTILOprodução

ÓCULOS MIU MIU SPRING SUMMER 2013 210€

PAREO 75€

Aragon Lingerie

Cruz Oculista

ÓCULOS MIU MIU SPRING SUMMER 2013 260€ Cruz Oculista

VERÃO NA FÁBRICA DO

BEIRÃO BIQUINI EKENA BAY 49,90€ ADN Space

Produção e Styling de Black at White Fotografia: MCrespo Cabelos: Carlos Gago - Ilídio Design Cabeleireiros Maquilhagem: Vanessa Kuzer Assistente B@W: Andreia Pinto Modelos: Bruna Cunha e Patrícia Aguiar Artigos: Cruz Oculista, ADN Space e Aragon Lingerie

31


ESTILOprodução Cores! Padrões! Alegria! Muita alegria! O verão chegou em força e com ele a vibração da juventude. Para refrescar a mente (e o corpo), nada melhor que um copo de Licor Beirão, um caipirão ou um morangão. Carpe diem...

BLUSA GYSEL 80€

ADN Space

ÓCULOS RAYBAN FOLDABLE EDITON 159€ Cruz Oculista


ÓCULOS MIU MIU RASOIR EXCLUSIVE EDITION 280€ Cruz Oculista

BLUSA GYSEL 67,50€

ADN Space

VESTIDO EXTASY 87€ ADN Space


BIQUÍNI 129€

Aragon Lingerie

BIQUÍNI EKENA BAY 59,90€ ADN Space

ESQUERDA ÓCULOS MIU MIU SPRING SUMMER 2013 260€ DIREITA ÓCULOS MIU MIU SPRING SUMMER 2013 210€

ARTIGOS DAS LOJAS: ADN SPACE ARAGON LINGERIE CRUZ OCULISTA AV. DR. ARMANDO GONÇALVES EDIFICIO PLAZA LOJA 17 3000-059 COIMBRA 239 482 466

AGRADECIMENTOS LICOR BEIRÃO CASACO, RELÓGIOS E BIJUTERIA SÃO DA PRODUÇÃO

JULHO 2013


ESTILObeleza

Preparar a mala de férias Por Vanessa Kuzer, maquilhadora profissional vanessa.kuzer@cnoticias.net

U

ma seleção de novos produtos de perfumaria e cosmética, escolhidos para uma mala de férias cuidada e selecionada. Absolutamente o que não pode faltar em qualquer ocasião ou destino!

Três em um CK ONE COLOR 3-IN-1 FACE MAKEUP Num só gesto Sérum, pré-base e base, cobertura perfeita da pele. Antioxidantes protegem a pele durante mais de 11 horas. (SPF 8 ) 30ml 29,90 €.

CK ONE COLOR Summer limited edition long wear + shine nail color 13,90€

Gloss

Máscara

Verniz

A MARCA CK ONE COLOR É UM EXCLUSIVO EL CORTE INGLÉS

CK ONE COLOR Uma escova duas posições. Com um girar da tampa desta máscara, alongamos, separamos e damos volume. 9.2ml 19,90 €.

DIOR JELLY LIP PEN Um batom super divertido em forma de lápis tamanho "jumbo" com uma textura gelatinosa que garante uma cor duradoura. 23,75€ PERFUMES & COMPANHIA FORUM COIMBRA

Pó bronzeador

GUERLAIN TERRACOTTA 4 SEASONS Pó Bronzeador, tons mate de várias intensidades. 61,65€ . CENT&DOZE . DOLCE VITA COIMBRA

SEEBY CHLOÉ EDP 75 ml 91,78 €, PERFUMES & COMPANHIA FORUM COIMBRA

CHANCE CHANEL EAU TENDRE 100 ml 88.80€ CENT&DOZE DOLCE VITA COIMBRA

ELIE SAAB 90ml, 95€ PERFUMES & COMPANHIA DOLCE VITA COIMBRA


ESTILObeleza

Fator

50

CREME PARA CORPO E ROSTO MESMO EM PELE MOLHADA Este creme suave, resistente à água e anti-areia pode ser aplicado mesmo sobre a pele molhada, sem deixar vestígios depois de espalhado, e oferece ampla proteção para manter crianças e adultos protegidos do sol. Produto de alta proteção!

Cuidar da pele em dias de muito sol

O

verão é a altura do ano em que mais expomos o corpo ao sol. Com as temperaturas cada vez mais altas a pele ressente-se do excesso de raios ultravioleta e há que aplicar, diariamente, protetores solares. Mantenha essa disciplina mesmo que não esteja a fazer praia.

125 ml 29€. LANCASTER CENT&DOZE DOLCE VITA COIMBRA

SUN SPORT BRUMA INVISÍVEL Até agora, a aplicação de uma proteção solar em pele molhada acabava sempre com marcas esbranquiçadas pelo corpo. Wet Skin Application faz entrar a proteção solar numa nova era: uma vez vaporizada e aplicada, a bruma fresca desaparece deixando apenas uma película transparente à superfície da pele. Beneficia igualmente de máxima proteção contra os raios UVA, UVB e os infravermelhos. As brumas Sun Sport são, ainda, enriquecidas com o Tan Activator Complex, o lendário auto bronzeador da Lancaster.

Fator

50

25 ml 34.65€. LANCASTER CENT&DOZE DOLCE VITA COIMBRA

Por Vanessa Kuzer, maquilhadora profissional vanessa.kuzer@cnoticias.net Fator

30

HIDRATAÇÃO PARA TODOS OS TIPOS DE PELE Hydramax + Active Gel Creme da CHANEL é um gel cremoso de hidratação ativa, intensa e suave. A hidratação fisioativa atua no coração da pele para impulsionar a dinâmica da hidratação. Por trás desta tecnologia está uma descoberta: o papel fundamental da enzima Matriptase na transformação das fibras de Filagrina em NMF: esponjas naturais responsáveis por manter a humidade na pele.

CREME PROTETOR ANTI-IDADE Este creme protetor anti-idade para o corpo, de textura aveludada, oferece uma proteção contra os raios UVA/UVB e suporta a reparação natural do ADN. Mantém a firmeza e a hidratação durante a exposição solar. O bronzeado torna-se maravilhosamente dourado e a juventude da pele é mantida. 50 ml 54.67€. LANCASTER CENT&DOZE DOLCE VITA COIMBRA

50g 55,10€ CENT&DOZE DOLCE VITA COIMBRA 36

JULHO 2013


EVENTOS

Recer OnShow Cláudia Vieira e Paulo Martins Paula Ferreira, Benilde Barros, Pedro Leal e Paulo Pereira

Teresa Barros, José Gonçalves e Raquel Rodrigues

Cláudia Vieira e Manuel Rodrigues

Cláudia Vieira e Luís Ascenso Instalações Recer no Porto

Daniel Santos e Djori Miranda www.cnoticias.net

Fernando Simões e Cláudia Vieira

A atriz e modelo Cláudia Vieira foi o rosto da primeira edição do evento RecerOnShow, que se realizou no showroom da marca, no Porto. Ao ritmo do jazz, a Recer apresentou a clientes, arquitetos e decoradores, as novas coleções para 2013. As coleções da Recer pretendem encontrar a resposta para uma decoração atual, que convida a um constante e intuitivo desafio à imaginação. No final, a atriz distribuiu autógrafos e sorrisos por todos os convidados.

FOTOS DE MCRESPO E RECER

Cláudia Vieira foi a convidada principal da primeira edição da Recer OnShow

Cláudia Vieira e Júlio Teixeira

37


FOTO DE PEDRO CALDEIRA

EVENTOS

José Manuel Portugal, António Vilhena, Emília Martins e António Pedro Pita

António Vilhena e Maria José Correia

Domingos Silva e António Vilhena

André Sardet e Giovanni D´Amore

O Pavilhão Centro de Portugal encheu para o lançamento de mais uma obra de poesia de António Vilhena - "O templo do fogo insaciável". A apresentação ficou a cargo do jornalista José Manuel Portugal e do filósofo António Pita que não pouparam elogios à obra e ao "amigo Vilhena". Carlos Clemente, Manuel Machado e Carlos Cidade 38

Ernesto Vieira

FOTOS DE MCRESPO

"O templo do fogo insaciável" de António Vilhena

António Vilhena e Inês Massano

JULHO 2013


500 anos

da Biblioteca Geral Páteo das Escolas acolheu a interpretação da 9.ª Sinfonia de Beethoven . No ano em que se comemora o quinto centenário da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra, e em vésperas da sua distinção como património da humanidade, o Pátio das Escolas foi o palco para a celebração da 9.ª sinfonia de Beethoven, o Hino da Alegria, como é popularmente conhecida a obra. A direção foi do maestro Artur Pinho Maria que conduziu a Orquestra do Norte, o Coro Sinfónico Inês de Castro, o Orfeon Académico de Coimbra e o Coro Misto da Universidade de Coimbra. Na ocasião, João Gabriel Silva, reitor da instituição, salientou a importância da biblioteca na construção da Língua Portuguesa.

FOTOS DE MCRESPO

João Gabriel Silva, reitor da Universidade de Coimbra e José Bernardes, diretor da Biblioteca Geral

Veja o vídeo em www. cnoticias.net www.cnoticias.net

39


EVENTOS

A Quinta das Janelas recebeu o Baile de Gala do Instituto Superior Miguel Torga, um dos momentos de convívio anual da "família torguiana". A festa foi animada e incluiu entrega de prémios. O Baile de Gala é organizado pela Associação de Estudantes do Instituto Miguel Torga com produção da Festivamente.

FOTOS DE RAUL BOTELLERO

Baile de Gala do ISMT Buarcos Desfile de Moda no Caras Direitas

Pedrógão é Fashion A 12.ª edição do Pedrógão Fashion animou o Largo da Devesa, em Pedrógão Grande. Este evento, uma organização conjunta da Câmara Municipal de Pedrógão Grande e da Escola Tecnológica Profissional da Zona do Pinhal ETPZP, pretende divulgar a oferta do comércio tradicional numa linguagem sofisticada e apelativa. Mais uma vez a produção do evento ficou a cargo de Tiago Barreiros que a classificou como “uma tarefa desafiante” pelo número de lojistas e modelos envolvidos. 40

Francisca Delgado (texto) e Diana Antunes (fotos) Em estágio na Revista C

O INTEP e a EPFF animaram a noite de Buarcos com um animado desfile de moda no Grupo Caras Direitas, aliando talento e glamour em mais uma iniciativa conjunta das duas escolas. No final, para delírio dos mais jovens, foi possível tirar fotos e receber um autógrafo do “Chico”, o ator da série juvenil “Morangos com Açúcar”, Leonardo Marques.

JULHO 2013


Mário Loureiro e Margarida Loureiro

Inês Ramos, Soraia Figueiredo e Margarida Prata

Artur Abreu e Fernanda Dias Manuel Gamboa, André Costa e Ricardo Cruz

Rui Brito e David Pinto

Alfredo Areia, Mário Loureiro, Miguel Ventura e José Carlos Alexandrino

Francisco Rolo e Ana Paula Neves

Tábua em festa FACIT 2013 A FACIT - Feira Agrícola, Comercial e Industrial de Tábua levou milhares de pessoas ao recinto do Pavilhão Multiusos. Foram seis dias de festa com um cartaz para todos os gostos e idades. Pelo palco principal passaram o humorista Herman José e a Big Band e a fadista Ana Moura, entre outros.

Ricardo Alves e Sofia Félix

S. João da Lousã repleto de iniciativas

Alexandre Barata, João Fernando Ramos, José Redondo e Carlos Seco

Inauguração da Mostra Comercial e Industrial

A

João Fernando Ramos

Marchas Sanjoaninas alegraram a vila

Lousã esteve em festa! Primeiro foi a Feira Anual de S. João, com as Marchas Sanjoaninas que, como habitualmente, alegraram a vila, assim como os concertos de André Sardet e Quim Barreiros. Depois, para assinalar em pleno feriado municipal, realizou-se a a atribuição dos Prémios Lausus 2013. Na cerimónia foram atribuídos 21 prémios, que reconheceram o mérito de diversas entidades públicas e privadas, personalidades e projetos do concelho.


NÓS

23.ª edição

expofacic

Buraka Som Sistema

Carminho

O palco de Portugal é em Cantanhede A maior feira do Centro renova a ambição e prepara-se para pulverizar, novamente, os números de edições anteriores. Com mais 1,8 hectares que o ano passado, a Expofacic toma conta da cidade de Cantanhede de 25 de julho a 4 de agosto.

H

42

á toda uma aura de sucesso em torno da marca Expofacic que atrai e seduz, todos os anos, milhares de visitantes a Cantanhede que, por estes dias, deixa de ser uma cidade para ser sinónimo de uma feira. E é por isso que é considerada por muitos como uma das mais inteligentes estratégias de marketing de uma cidade. Cantanhede e Expofacic são conceitos indissociáveis e dificilmente se imaginará um alinhamento executivo com resultados tão positivos: quanto melhores forem os resultados da feira, mais reforçada sairá a cidade de Cantanhede. Mas como é que uma mostra agrícola, comercial e industrial de um concelho se transformou numa das maiores manifestações de alegria do país?

ninguém que há lista de espera para alugar os stands, o que diz bem desta enorme montra de oportunidades empresariais.

A Expofacic é boa para os negócios

A Expofacic faz-se com - e para - as pessoas

A Expofacic é intrinsecamente um ponto de encontro para concretizar negócios. Com mais de 500 expositores, esta mostra comercial, industrial e agrícola é hoje também o ponto de encontro de profissionais de setores novos como os da inovação, das tecnologias da informação, da investigação médica e científica, do turismo, das representações oficiais de municípios e, também, de outros países, o que se traduz num mar de oportunidades que os empresários reconhecem. Não é segredo para

Liderada por Patrocínio Alves, a equipa da Inova, empresa municipal que está encarregue de, todos os anos, colocar de pé a Expofacic, entende os expositores e os visitantes como parte integrante da oferta da feira. Daí que aos expositores sejam concedidas uma série de mais-valias quer no apoio logístico, quer ao nível das infraestruturas. Para os visitantes sempre o melhor: o melhor terreno para andar, as melhores condições de circulação, a melhor oferta de animação e, claro, o melhor cartaz de espetáculos.

A Expofacic é cool São 11 dias de festa, com direito a uma programação cuidada e pensada para todos. Sete palcos com alinhamento próprio promovem a diversidade musical e o talento, quer do concelho, quer do país. Zonas de alimentação muito típicas, coordenadas pelas próprias freguesias e coletividades, marcas reputadas de bebidas e restauração, feira e animação populares e artistas de consenso generalizado têm transformado esta mostra num ponto obrigatório de passagem para milhares de pessoas, todos os anos e em ritmo crescente!

Tony Carreira

Fernando Alvim

Novidades desta edição TVI vai emitir a partir do recinto da Expofacic A TVI é de novo a televisão oficial da Expofacic/2013 e vai assim fazer a promoção do evento, no âmbito de uma campanha que inclui a transmissão do popular programa "Somos Portugal", em direto a partir do Parque Expo-Desportivo de S. Mateus.

Aldeia de Portugal cresce em espaço Este ano nasce uma área própria com cerca de dois mil e quinhentos metros quadrados, localizada a norte e em que irão estar representados alguns municípios de norte a sul do país. Todas as entidades participantes terão um stand próprio e haverá também stands para mostras gastronómicas típicas daquelas zonas.

Karting e Cavalos A somar à enorme oferta de animação, este ano os visitantes poderão divertir-se numa pista de karting ou num enorme picadeiro com atividades equestres. São mais 1500 metros quadrados de alegria!

JULHO 2013


David Antunes

DJ Overule

FunkYou2

Gabriel O Pensador

Rui Veloso

DJ Rusty

DJ Ride

José Cid

Squeeze Theeze Pleeze

Expensive Soul

Richie Campbell

Karetus

Keane

DJ Kura

Liquideep

Mastik Soul

Os Azeitonas

Temos convites p ara oferecer ao s nossos leit ores. Saiba com o na página 84

Artistas convidados 25-07 Quinta-feira PALCO 1 Richie Campbell Pete Tha Zouk PALCO SAGRES Xinobi

26-07 Sexta-feira PALCO 1 José Cid PALCO SAGRES Pedro Cazanova

27-07 Sábado

PALCO 1 Xutos & Pontapés PALCO SAGRES FUNKyou2 -The Party Rockers!

28-07 Domingo

PALCO 1 Tony Carreira PALCO SAGRES David & The Midnight Band + Pedro Fernandes www.cnoticias.net

Xinobi

29-07 Segunda-feira PALCO 1 Carminho Os Azeitonas PALCO SAGRES Karetus

30-07 Terça-feira PALCO 1 DJ Internacional Buraka Som Sistema PALCO SAGRES Rusty

31-07 Quarta-feira PALCO 1 Resistência PALCO SAGRES DJ Ride

01-08 Quinta-feira

PALCO 1 Squeeze Theeze Pleeze Expensive Soul PALCO SAGRES Fernando Alvim

Xutos & Pontapés

02-08 Sexta-feira PALCO 1 Gabriel, o Pensador MASTIKSOUL feat. DMOL PALCO SAGRES DJ Overule

03-08 Sábado

PALCO 1 Keane Liquideep PALCO SAGRES DJ's RFM DJAY RICH & DJ ANTÓNIO MENDES

04-08 Domingo PALCO 1 Rui Veloso PALCO SAGRES DJ Kura

Cartaz de luxo com bilhetes a baixo preço O cartaz de animação do certame conta com bandas ou artistas como Keane, Richie Campbell, Gabriel o Pensador, PeteTha Zouk, José Cid, Xutos e Pontapés, Tony Carreira, Resistência, Rui Veloso, Expensive Soul, Squeeze Theeze Pleese, Pedro Cazanova, entre outros. Nos dias 30 de julho e 3 de agosto, os bilhetes custam nove euros. Nos restantes dias custam 3,5 euros.

Pedro Cazanova

Pete Tha Zouk 43


Marcamos encontro nas festas de Santa Cristina De 19 a 24 de julho, o centro das atenções é o município de Condeixa-a-Nova.

A

s festas em honra de Santa Cristina estão de regresso e com elas trazem um programa de festas que conta com algumas bandas da região, bem como nomes mais sonantes do panorama nacional. Mas não fica por aqui: na Praça do Município também pode encontrar as tasquinhas com rifas e comes e bebes. O certame teve início em 1996 com o objetivo de animar as festas religiosas em honra de Santa Cristina que, este ano, tem o seu ponto alto na quarta-feira (24), dia de feriado municipal. Hoje, pretende-se que estas festas sejam o ponto de encontro concelhio, onde os visitantes trocam experiências. Cartaz de luxo nas fe stas de Condei xa-a-Nova

Cuca Roseta

PROGRAMA GERAL

António Zambujo

19/07 Pensão Flor HMB DJ Mister S 20/07 António Zambujo Cuca Roseta Estudantina DJ Psy

Nu Soul Family Aurea

21/07 Concertinas de Casconha Torneio de kick boxing Kumpania Algazarra Nu Soul Family Sede Bandida 22/07 Aurea Rock Luso

23/07 Banda Red Symphonic Show Piano Play

PUB

24/07 Isto Só Visto com Luís Aleluia e seu Elenco – Revista à portuguesa Fitacola


NÓS

Cinematógrafo premiado a nível europeu, Sérgio Duarte trabalha para contar "histórias de vida de pessoas". Há apenas três anos fazia próteses dentárias e mantinha o sonho de ser ator. Não tinha grande jeito para isso e encontrou na realização de cinema o "miúdo" que ainda é!

Q

uando o José Nunes (um amigo da C que tem o condão de nos falar de pessoas excecionais) nos falou de um realizador de cinema que fazia uns filmes de casamento "brutais" torcemos o nariz. Como somos curiosos fomos a www. weddstories.pt e após visionar alguns exemplos do trabalho de Sérgio Duarte decidimos marcar encontro. Sérgio Duarte é assim uma pessoa especial. Tem uns olhos que brilham muito, como se olhasse o mundo de outra maneira. E é essa diferença na capacidade de distinguir o essencial do acessório que será, por ventura, o trunfo deste homem que quer fazer cinema a partir do centro do país. A história é encantadora, como são todas as histórias de quem luta para ter sucesso: "o meu pai é dentista e tem um laboratório de prótese dentária onde, durante muito tempo, passei dias enfiado a trabalhar em próteses. Estava a entrar em paranoia. Queria ser ator e passava dias em que não falava com ninguém e um dia eu disse ao meu pai que estava farto daquilo. Tinha um sonho quando era mais miúdo que era ser ator de cinema, sempre gostei de cinema... quando via um making of na televisão de um filme qualquer com camaras e gruas, maquetes, atores e realizadores... fazia-me um clique e ficava completamente a sonhar com aquilo". Por força desta atitude, e com a ajuda da esposa, Ana Rute, fotógrafa, Sérgio Duarte

FOTOS DE MCRESPO

O contador de histórias que (re)fazia dentes

decide abrir um espaço, a DigiSpace, onde paralelamente ao serviço de retoque de fotografias, vendia software e hardware informático. " Mas aquilo correu muito mal, correu mesmo muito mal". Por sugestão de um fornecedor decidiram investir tudo em aquisição de equipamento de filmagem e fotografia profissional: "Fizémos montes de formações, investimos tudo num estúdio em Condeixa... nós não tínhamos portefólio nenhum, zero!" A estreia neste mercado tinha tudo para ser desastrosa: "eu era apenas o dono da empresa, faturava, contratava os clientes, mas eu não mexia em camaras e não percebia nada daquilo" confia-nos Sérgio Duarte. "No primeiro dia do nosso primeiro casamento oficial a pessoa que tínhamos para filmar não apareceu... e eu tive de filmar o casamento". E foi a partir daqui que todo o processo de construção do Sérgio Duarte cinematógrafo se afirmou: "os clientes gostaram muito da estética e dos planos e eu decidi que ou fazia aquilo bem, ou não andava a enganar as pessoas". Iniciou um longo processo de formação em cinema, ingressou na AFPP (agora APPImagem), uma associação de fotógrafos portugueses, membro da European Photographers, numa relação de valorização mútua e começou a ser reconhecido pela qualidade do seu trabalho.

Desloca-se ao estrangeiro inúmeras vezes para a realização de filmes quer publicitários, quer institucionais ou mesmo, ainda, de casamentos. Porque "eu não faço vídeos de casamento. Eu conto histórias de pessoas e isso é que me dá prazer". "Tenho curtas feitas, e tenho histórias pensadas para realizar".

Reconhecimento internacional e interpares Em 2012 foi um dos vencedores do EEVA, o festival europeu, multidisciplinar, dedicado à videografia europeia. Este ano, na AFP Foto, que é o maior evento nacional de fotografia e vídeo, fez vibrar de emoção um auditório que encheu para o ouvir falar: Sérgio Duarte apresentou uma curta intitulada "Pais Suplentes", um filme que é um murro no estômago para os profissionais da área, pessoas comuns, com família, que trabalham de segunda a domingo e sem horário: "o filme é narrado pelos meus filhos e é uma reflexão para todos os profissionais desta área que abdicam do tempo com a família. Se realmente sacrificam a vossa família, se isto é o vosso ganha-pão, se têm uma empresa aberta ao público, então glorifiquem o vosso trabalho, façam valer a pena, não sejam suficientes, sejam bons!"


Um filme de Sérgio Duarte arrecadou para Portugal uma distinção europeia. Sonhador, acredita ter a capacidade de fazer filmes a partir de Coimbra.

Trabalho de equipa Ana Rute é quem assume a direção de fotografia dos trabalhos de Sérgio Duarte. É, também, a esposa do realizador e a mãe dos dois filhos do casal. Quando combinámos fotografar este casal "do cinema" percebemos uma enorme cumplicidade que ultrapassa a sua união matrimonial. No respeito pelas ideias e capacidades técnicas um do outro estará o trunfo para a construção de uma marca de qualidade. "Claro que nos chateamos, e muito. Mas a maior parte das vezes a Ana tem razão. E tenta sempre criar o ambiente que corresponda à minha visão".

Para saber mais recomenda-se a visualização dos filmes em www.weddstories.pt PUB

www.cnoticias.net

47


NÓS

SPAI: Para elas o universo é o limite

Os preços de lançamento vão desde os 55 aos 85 euros. Podem ser adquiridos através do facebook e, futuramente, através do site da SPAI.

Quem diz que os diamantes são os melhores amigos das mulheres está bem enganado… Os sapatos são os novos “diamantes”. E a SPAI conseguiu conjugar o melhor deste acessório com a inovação ecológica.

E

las são quatro mulheres com um interesse em comum: fazerem algo único. Ana Freitas, Teresa Antunes, Cláudia Almeida e Isabel Santos estão Sempre Prontas A Inventar (SPAI). Quando, em 2012, começaram a falar em reutilizar telas, nunca pensaram que hoje estariam a fazer provavelmente os melhores amigos das mulheres – sapatos. A única premissa era usar a tela publicitária, um elemento que normalmente não é reutilizável, de uma forma ecológica. Dai até começarem a falar em sapatos foi um pulo. “Inicialmente pensámos em fazer decoração com essas telas, depois pensámos em socas e só depois em sapatos, porque a ideia também passava por sermos nós próprias a fazer para percebermos como é que se constrói um produto destes” explica Cláudia, a arquiteta da equipa. Começaram a fazer os primeiros desenhos em setembro do ano passado, e contaram com o apoio essencial de um familiar que tem uma fábrica em Guimarães. Isabel lembra as dificuldades por que passaram: “Foi complicado conseguir apoio, porque queríamos fazer um número reduzido de pares, para testar o mercado, e ninguém queria parar as máquinas para fazer apenas 100

48

pares de sapatos. O Sérgio incentivou-nos de uma forma que nos fez realmente acreditar que era possível passar do papel à realidade”. O que é certo é que estas quatro jovens mulheres, irreverentes, criativas e, sobretudo motivadas, conseguiram lançar em junho a primeira de muitas coleções. “A coleção Sete Pecados foi toda desenhada em duas ou três semanas. Ainda houve alterações pontuais por uma questão de conforto, mas fomos evoluindo até estar pronta a lançar”, explica Isabel. E foi assim que os sete pecados passaram da Bíblia para os sapatos, o “pecado da mulher”: Soberba, Vaidade, Luxúria, Ira, Gula, Inveja e Avareza são os diferentes modelos que esta coleção de verão apresenta. Modelos elegantes, com “máximo conforto, máxima qualidade e máximo design” (sim, nós experimentámos…), feitos à mão, que vão mudando entre o salto e o design da cobertura, e onde a tela e a pele “da melhor qualidade” dão um toque ultra moderno. Peças únicas que fazem com que qualquer mulher perca a cabeça. “Nós mulheres nunca gostamos de ter coisas iguais às das outras, por isso, mesmo que a pele seja igual, a parte da tela nunca vai ser totalmente igual” realça Teresa, responsável pelo design. A ideia era reinventar, fazer algo inova-

dor. “A aceitação foi muito boa e é bom ouvirmos os comentários das pessoas e as palavras que têm dito, porque ajuda-nos a continuar” realçam. E pelo sucesso que teve em tão pouco tempo, a SPAI tem “saltos” para andar..

JULHO 2013


NÓS

C

ampista que é campista não dispensa dar a sua volta pelas maravilhas da natureza, principalmente no verão. Algumas pessoas lançam-se à aventura de carro com sacos de dormir, tendas e alguns snacks. Sejam amantes da natureza ou os chamados “caseiros”, acampar traz sempre algo de bom para todos. Nas próximas páginas pode ver os tipos de campistas que existem. E como a Região Centro tem alguns dos melhores parques de campismo (e Glamping)da Europa, a C mostra-lhe alguns exemplos e diz-lhe quais são os cenários que não pode perder. Vai ser difícil escolher apenas um, por isso agarre na sua tenda e na mochila de campista, e desfrute de todos os parques nesta (longa) viagem ao ar livre. por Filipa Marques

“ Bora lá” ACAMPAR?

Parque de Campismo da Ilha da Berlenga

Nesta ilha existem dois fatores dominantes: a natureza e o silêncio. Prepare-se para uma experiência completamente diferente, um parque como não há igual em toda a Europa. O parque de campismo localizado na Ilha da Berlenga, ao largo de Peniche, foi considerado o mais cool da Europa pelo “The Times”. A travessia entre Peniche e a ilha das Berlengas pode ser aciden-

tada, devido à ondulação forte, mas como recompensa tem um parque de campismo com acesso exclusivo às águas cristalinas do Atlântico. O parque só funciona até setembro e, para lá chegar, tem de ir de barco. Tem capacidade para 40 tendas que custam 10 euros (para duas pessoas), 14,50 euros (para três pessoas), e 19 euros (para quatro pessoas).

FICHA TÉCNICA: Localização: Ilha da Berlenga, Peniche Telefone: 262 789 571 E-mail: turismocmp@iol.pt Permitidos animais? Sim A não perder: A incontornável visita à ilha, onde poderá conhecer a bela fortaleza, agora dotada de vários estabelecimentos comerciais típicos da região.


Parque de Campismo Lugar das Várzeas

Tem uma cozinha e não tem medo de a usar.

“Quero ugal ver Port ca sti tá da fan minha a d la e jan sa io d n gra a” caravan

Anda sempre com uma trailer colorido com o desenho de um animal majestoso na traseira. Ocupa dois lugares no parque.

Campista reformado Tal com o parque da Berlenga, o Parque de Campismo da Várzea foi considerado um dos mais cool da Europa pelo jornal britânico “The Times”. Localizado entre as serras de Góis e Arganil, possui tendas (yurt's) ao estilo da Mongólia, rodeadas de oliveiras, vinhas e árvores de fruto. Os preços variam entre os 75 euros por noite para duas pessoas, com pequeno-almoço, e os 450 euros por semana. As crianças pagam 12 euros por dia. Aqui fica alheio ao barulho infernal dos carros e à televisão. A única distração são os barulhos da natureza. É o chamado Glamping - campismo com glamour…

Parque de Campismo de Idanha-a-Nova Se quer sossegar longe da agitação do litoral, o interior de Portugal oferece paisagens naturais e património cultural e histórico com uma riqueza ainda muito desconhecida. O Parque de Campismo de Idanha-a-Nova, gerido pela empresa Notas Campestres, é o local ideal para conhecer ou revisitar a magnífica oferta do interior da Beira Baixa.

O que traz na mochila: Não há necessidade de fazer as malas – a casa dele já tem rodas.

FICHA TÉCNICA: Localização: Nas montanhas entre Arganil e Góis. Telefone: 235208562 Website: http://www.yurtholidayportugal.com/ Email: yurtholidayportugal@gmail.com Instalações: Tendas da Mongólia. A não perder: Excelente oportunidade para conhecer as praias fluviais. O parque está rodeado pelo perfume de jasmim, eucaliptos e laranjeiras. Os proprietários fornecem o vinho, os figos e o manjericão, e as galinhas da quinta põem os ovos que você irá comer ao pequeno-almoço. Um ambiente mágico…

FICHA TÉCNICA: Localização: Barragem Marechal Carmona, Idanha-a-Nova Telefone: 277 202 793 Email: notascampestres@gmail.com Permitidos animais? Sim Instalações: Restaurante, minimercado, piscina, café-bar, instalações desportivas, bungalows A não perder: Os locais de maior interesse são os Castelos de Idanha-a-Nova e Idanha-a-Velha, Penha Garcia e a aldeia mais portuguesa de Portugal: Monsanto.

Onde dorme: Em casa, na cama, comprimido entre a casa de banho e a tábua de passar a ferro.

A sua ideia de aproveitar a natureza é fazer um piquenique no jardim.

Prefere ar condicionado a ar fresco.

Está sempre ligado às redes sociais através do telemóvel.

ar? “Acamp … á h o ã N insetos e coisas assim?”

Campista relutante

Onde dorme: Num saco de cama emprestado

Onde dorme: Desmaia em cima da máquina de fazer fumo.

O que traz na mochila: iPhone, água com gás, embalagens de spray para afastar os insetos, litros de desinfetante para as mãos.

Usa a mesma roupa durante toda a semana.

Adora ouvir o eco dos seus gritos na montanha.

Campista festeiro

“A única elhor coisa m tas s fe e u q do são em casa a sn ta s fe s a ” floresta

Acha que a cerveja faz parte de um pequeno-almoço nutritivo. O que traz na mochila: Mais cerveja que água, um gerador, um rádio grande, colunas grandes, máquinas de fazer fumo e luzes.


Refeições rápidas e fáceis para campistas Num parque de campismo pode fazer as mesmas coisas que faz no seu fogão, desde peixe fresco capturado diretamente do rio a bife e batatas fritas, ou mesmo deliciosas sobremesas como maçã assada! Tudo sabe bem quando estamos a acampar.

PEQUENO-ALMOÇO Pode optar por uma de duas combinações de produtos não perecíveis: café solúvel, leite, pão de forma (porque dura mais), doce de morango e queijo sandwich (porque podem ser conservados fora do frigorifico); ou então opte por cereais, fruta seca e leite. Depois disso, as opções passam por adquirir produtos locais, desde pães a frutas, cafés, etc.

ALMOÇO PIZZA - Compre uma pizza pré-feita e coloque-a num micro-ondas ou numa tostadeira. Como alternativa, pode comprar pão sírio (aquele redondo, achatado), queijo e o recheio que tiver com vontade de comer, como fiambre, tomate, atum, etc. Queijo derretido e massa crocante!

FICHA TÉCNICA: Localização: São Pedro de Moel, Marinha Grande Telefone: 244 599 168 Website: Orbitur | São Pedro de Moel Email: infospedro@orbitur.pt Permitidos animais? Sim Instalações: Restaurante, minimercado, café-bar, instalações desportivas, discoteca, parque aquático, bungalows A não perder: Excelente oportunidade para conhecer o castelo de Leiria. Os Mosteiros da Batalha e de Alcobaça, ambos estão também a uma aceitável distância.

Castelo de Leiria

Mosteiro de Alcobaça

Orbitur São Pedro de Moel Considerado um dos melhores parques de campismo da Europa, o parque Orbitur de São Pedro de Moel  foi o primeiro parque português a receber o Prémio

FICHA TÉCNICA: Localização: Sertã, Castelo Branco Telefone: 96 148 9990 Website: www.lobosretreat.com Instalações: Deck exterior, frigorífico, casa de banho, barbecue, tomadas elétricas para carregar telemóvel, espreguiçadeiras, mesas exteriores, cama de rede A não perder: A vila da Sertã, que fica apenas a 10 min a pé, a praia fluvial e as piscinas cobertas e descobertas.

CACHORRO QUENTE - pão, salsicha, molho pronto (ou pode fazer molho com tomate fresco), milho, alface, batata palha e o que quiser incluir mais. Rápido e eficaz. Por último, pode optar pelos produtos pré-cozinhados e enlatados, como massas, arroz com sabor, molhos, etc. Não são os que melhor fazem à saúde, mas já utilizamos muito.

JANTAR RISOTO DE CARNE - se tiver um fogão com dois bicos, pode preparar o arroz num tacho e a carne com o molho noutro. Depois é só juntar os dois e pronto. Rápido e saboroso. YAKISSOBA (massa chinesa) - basta levar a massa (noodles ou massa de arroz), um frasco pequeno de molho shoyo e comprar alguns legumes como bróculos, cenoura, tomate. Na panela ferva a água e coloque a massa a cozer, quando estiver al dente retire a maior parte da água. Coloque os legumes já cortados em tamanhos similares, e envolva o molho shoyo. Rápido não é? 52

DCC Europa. Localizado no famoso pinhal de Leiria e a apenas 600 metros da praia, este parque oferece o melhor da Costa de Prata juntamente com o melhor da natureza.

Lobos Retreat O retiro dos lobos é uma homenagem ao husky siberiano que o casal Mark e Elle trouxe de Inglaterra. O Lobos Retreat, situado numa das margens do rio Amioso perto da Sertã, foi criado para que os convidados possam usufruir e relaxar do sossego do vale. Por 30 euros por pessoa (360 euros por semana, para duas pessoas) tem acesso a um local com uma decoração cuidada, o conforto de um hotel, e o mundo selvagem do outro lado da porta.

JULHO 2013


Não esquecer!!! O essencial:

Canvas Moon

“Quer e dizer qu r nta o m ra a p iso da prec uma ten cas? ta de es lo? E marte …” s p o Oo

Tenda Espias Cordas de apoio Lona para base da tenda Martelo Lanterna Extensão elétrica Fichas triplas Cadeado pequeno (para fechar a tenda) Sacos-cama Almofadas Tapete (para a entrada da

Fica furioso quando lhe pedem para controlar as crianças dele.

Para a cozinha

Arrasta as crianças mesmo que elas estejam a gritar e aos pontapés.

ar “Acamp rá e s o nã neira uma ma as ri fé r te e d cas em fantásti ” família?

Campista baby-sitter

FICHA TÉCNICA: Localização: Serra da Estrela, Guarda Telefone: 962 144018 Website: www.canvas-moon.com Email: enquiries@canvas-moon.com Instalações: Restaurante, minimercado, café-bar, instalações desportivas, discoteca, parque aquático, bungalows.

O CanvasMoon fica na Serra da Estrela, perto do lago da Aguieira. É um sítio especial com tendas maiores, já erguidas, com mobília, almofadas, tapetes... Basicamente são tendas parecidas com um hotel. Por 300 euros pode desfrutar de uma bela semana a dois.

Gasta uma fortuna em roupas “bonitinhas” de criança para campistas.

O que traz na mochila: fraldas, refrigerantes, doces, fraldas, toalhitas húmidas, fraldas, brinquedos.

Onde dorme: dormem todos juntos, mesmo que sejam sete, numa tenda para quatro pessoas.

o “Consig a inh m a comer ijoada fe e d ta la garfo de com um rouxe o salada! T ompleto c to n conju res de e lh de ta prata”. Esqueceu-se de alguma coisa? Ele tem. E nove tipos diferentes da mesma coisa!

Para lavar roupa

O que traz na mochila: Tudo o que possa imaginar.

Campista perfecionista

Onde dorme: Sozinho, numa tenda familiar, por cima de um colchão com 20 centímetros de altura, debaixo de uma série de cobertores e com, pelo menos, quatro almofadas (pelo menos fica confortável…)

Detergente máquina Amaciador máquina Detergente mão Alguidar Corda

óculos de sol

Para momentos de lazer

Saco-cama Faca

(desligar o smartphone)

Kit primeiros socorros Spray para insetos

Garrafa de água

Relógio Baton para o cieiro

www.cnoticias.net

Onde dorme: No chão e usa a tenda desmontada como cobertor.

Campista desleixado

Toalha de mãos Toalhas de banho Material de banho (gel de banho, champô) Chinelos para o banho Saco para roupa suja Sacos para o lixo Repelente de mosquitos

Livros, Jogos Almanaque de passatempos, Rádio a pilhas

Na maioria das vezes, arruína a viagem.

Não faz ideia do que precisa para sobreviver. Esquece-se das poucas coisas que sabe.

tenda)

Fogão e botija de gás de campismo, mesa/suporte para o fogão, garrafão de água, pratos rasos, pratos de sopa (um por pessoa), garfo/faca/colher (um conjunto por pessoa), copos, tacho pequeno, frigideira pequena, colher de pau, guardanapos de papel, esfregão e detergente da loiça, pano da loiça, alguidar, sacos (para o lixo)

O que traz na mochila: Pasta de dentes (esquece-se da escova), uma garrafa de água (vazia) e protetor solar (fora da validade).

Botas para caminhada

Lanterna Repelente de insectos Tenda e estacas

53


OPINIÃO

"A AGRICULTURA AQUI (EM PORTUGAL) É A ARTE DE ASSISTIR IMPASSÍVEL AO TRABALHO DA NATUREZA." ANA PAULA SANÇANA DIRETORA EXECUTIVA NA LOUSÃ MEL

J

á passaram uns anos desde Eça e o cenário está diferente. Provavelmente, hoje será: A economia aqui (em Portugal) é a arte de assistir impassível ao trabalho da troika. Mas, devemos acreditar que esta mui nobre nação não vai 'fechar'. E acreditar que não há troika que resista à melhor maçã bravo de esmolfe, ao azeite transmontano ou ao pão alentejano…nem ao melhor mel do mundo.

Talvez o princípio do almejado equilíbrio e estabilidade esteja precisamente no início. Se a mudança que o nosso país precisa passar por um regresso às origens, há uma boa hipótese de estarmos a caminho. O setor primário sofreu um desgaste considerável nas últimas décadas. Começou a ser mais apelativo, compensador prestar serviços do que criar, cultivar, cuidar do nosso mar, da nossa terra e da nossa floresta. A passos largos criou-se um desequilíbrio não só a nível do sistema agroflorestal, mas também da sociedade. Terras sem pessoas. Floresta abandonada. Escolas sem meninos no campo, e meninos sem escola nas cidades. É o (im)perfeito retrato do êxodo rural. Durante muito tempo, "cavar terra" era tarefa inglória e desprezível. Sinónimo de baixa condição social. Ser agricultor, significava de forma cega e altamente redutora… ser ignorante. Longe vão os tempos do "mais vale uma mão inchada que uma enxada na mão", da pele enrugada e carcomida pelo sol. Da junta de bois e da carroça a chiar. Agora, ser agricultor, está na moda. Não sei se serão reflexos do Farmville, ou fruto da necessidade, o que é certo é que hoje, mais que nunca, se encara esta 54

Eça de Queiroz

atividade como algo de futuro. E deve ser efetivamente rentável, porque nunca se viu a banca tão virada e disponível para apresentar soluções que satisfaçam este setor. Começamos finalmente a interiorizar que não podemos comer máquinas nem betão. Que não podemos fabricar dinheiro. Que a terra é o único bem que não desvaloriza… porque a moeda, esse objeto brilhante tão disputado, é um símbolo, que oscila consoante os mercados e, pelo menos, o mercado da fruta e do peixe… sempre é mais estável. Não concordo com a proclamação do trabalhar em excelência para a exportação: não num país em que a autosuficiência alimentar é uma utopia. Concordo com a diversificação da produção para o mercado interno. Temos assistido a um boom de instalação de jovens agricultores. No entanto há que desmistificar a imagem do "sonho verde". Desenganem-se os que embarcarem neste se acharem que tudo são rosas, ou "peanuts" (para estar mais de acordo com o tema): muitos jovens estão a envolver-se neste mundo e, ainda bem, mas tenho assistido a um grande desconhecimento de causa e mais apego aos prémios de instalação do que propriamente ao futuro e à terra.

há espaço para horários laborais fixos, que não se pode fazer greve, que não há ordenado certo ao fim do mês se não produzirmos e que, mesmo quando fazemos tudo certinho, às vezes o S. Pedro não ajuda. Quando nos lambuzamos com um iogurte e (pelo espírito nacionalista que impera em mim, desde já proclamo que deveria ser proibido o iogurte grego), irritantemente nos provocam uma luta de cartão, plásticos e outras coisas mais até chegarmos aquela massa boa e fresca, não nos passa pela cabeça que antes daquele "empacotamento" todo, estão muitos processos envolvidos. Nem tudo é fácil e imediato. Não. Dá muito trabalho, mas vale a pena.

(...) Começamos finalmente a interiorizar que não podemos comer máquinas nem betão. Que não podemos fabricar dinheiro. Que a terra, é o único bem que não desvaloriza (...)

É normal uma certa insensibilidade para quem nunca teve ligações ao mundo rural, nem nunca experimentou debulhar o feijão na eira, ou levar animais à ordenha. É aceitável que se confundam cerejeiras com ameixeiras ou que não se distinga um coelho de um porquinho-da-índia…mas não é normal para quem quer viver casado com a natureza em regime de comunhão geral de bens e tirar partido dela, esquecer ou desconhecer que trabalhar em agricultura implica lidar com organismos vivos, que dependem diretamente de nós, que não JULHO 2013


A CASA DAS CONFRARIAS DE PORTUGAL

OLGA CAVALEIRO PRESIDENTE DA FEDERAÇÃO PORTUGUESA DAS CONFRARIAS GASTRONÓMICAS

Muito se regozija a Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas (FPCG) por esta feliz ideia tendo encontrado no Casino Figueira um parceiro recetivo e entusiasta. Cultivando o seu caráter agregador, a FPCG quer com a definição deste espaço, por um lado, contribuir para a coesão do movimento oferecendo-lhes um espaço onde a identidade é comum e, por outro lado, incentivar e impulsionar uma atitude cada vez mais dinâmica das confrarias pois esta Casa crescerá tanto quanto as confrarias estiverem dispostas a dar. Ou seja, nela cabe tudo o que a vontade queira, sendo que deve ser um espaço dinâmico onde o público possa conhecer o imaginário das confrarias, os seus propósitos, ideais e www.cnoticias.net

DR

N

o próximo dia 5 de julho, pelas 19h, no Casino Figueira, irá decorrer a inauguração da Casa das Confrarias de Portugal. Momento alto na vida das confrarias, é algo que, desde há muito, se impunha concretizar fazendo justiça à crescente importância das confrarias na sociedade portuguesa. Atualmente, as confrarias relevam pela postura ativa que manifestam afirmando-se como verdadeiros agentes de dinamização económica, social e cultural dos territórios que representam. Centrados nos produtos gastronómicos, as confrarias procuram, não só a divulgação e comercialização dos mesmos, como também não esquecem a ligação dessas iguarias gastronómicas ao património histórico, cultural e arquitetónico. Assim, a ênfase não está apenas na gastronomia, mas em todo o património cultural, material e imaterial, adjacente que lhe dá riqueza, simbologia e valor transformando-a em ícone cultural.

trabalho e onde devem ser desenvolvidas iniciativas das confrarias ou da FPCG. Fruto da proximidade existente entre as Confrarias Gastronómicas e o Casino Figueira que tem, em diversas ocasiões, sido anfitrião de várias iniciativas das nossas instituições, “A Casa das Confrarias de Portugal” oferece-se como um espaço de visibilidade para as confrarias, permitindo que o público, sempre curioso sobre os seus rituais e tradições, possa conhecer um pouco mais do que habitualmente se divulga e se sabe destas instituições. É preciso dar a conhecer o trabalho, o esforço, a organização de estruturas que emergem da sociedade civil e que dependem do voluntariado fazendo da gastronomia a sua bandeira. Espaço digno, de excelente localização, cedência generosa da Direção do Casino Figueira, a “Casa” de todas as Confrarias conta no seu início com uma forte adesão das Confrarias associadas da FPCG que veem nela uma “Casa Mãe”, local de reunião, de confraternização, de reflexão, de aproximação, de partilha, de divulgação, de apresentação, de iniciativa, de tudo aquilo que cabe na ação das Confrarias e da FPCG.

Para finalizar, quer a FPCG que “A Casa das Confrarias de Portugal” seja um suporte para ações de dignificação e valorização da gastronomia, que ali se promova o seu valor económico, que ali se relembre a sua qualidade de património cultural imaterial de Portugal. Assim, esperamos que, proximamente, possa ser palco da apresentação do trabalho que está a ser desenvolvido pelas confrarias na recolha e inventariação das tradições gastronómicas portuguesas. Esta, sem dúvida, outra ideia feliz da FPCG.

(...) É preciso dar a conhecer o trabalho, o esforço, a organização de estruturas que emergem da sociedade civil e que dependem do voluntariado fazendo da gastronomia a sua bandeira. (...) 55


INICIATIVAS

A Revista C, em parceria com o Hotel D. Luís, em Coimbra, tem a decorrer um ciclo de workshops multidisciplinares. Temas interessantes em sistema de formação complementar e destinados a universo alargado de interessados.

Revista C e Hotel D. Luís em ciclo de workshops Workshop: Aula ou curso prático sobre uma actividade ou um assunto específico

Workshop

Workshop

Comida Saudável

Problemas de Comportamento e Indisciplina Porque é que não consigo controlar o meu próprio filho? Estarei a estabelecer regras de forma eficaz? Como posso minimizar a ocorrência de problemas de comportamento? Será que se passa algo de errado com o meu filho?

Depois do sucesso do Workshop de Fingerfood, Vera Ferraz (autora do blogue "Hoje para jantar" e das receitas da Revista C) vai realizar, este mês, um workshop sobre Comida Saudável. Venha aprender a fazer pratos saborosos e muito equilibrados do ponto de vista calórico.

Estes são exemplos de questões que poderá ver respondidas no workshop “Problemas de Comportamento e Indisciplina” dinamizado por Ana Oliveira. Se pretende obter informação especializada acerca desta temática, colocar questões, aprender técnicas específicas ou apenas ter acesso a conhecimento atualizado, inscreva-se!

Data: 27 de julho Hora: 15h00 às 19h00 Preço: 25€ por pessoa (20€ assinantes Revista C) Inscrições para o email: workshops@cnoticias.net.

Data: 31 de julho Hora: 21h00 às 23h00 Preço: 25€ por pessoa (20€ assinantes Revista C) Inscrições para o email: workshops@cnoticias.net.

NOTA: Haverá um número mínimo de inscrições a registar para levar o workshop a cabo.

NOTA: Haverá um número mínimo de inscrições a registar para levar o workshop a cabo. PUB

Workshop

2.ª edição

Tratamento fotográfico em Photoshop O Photoshop é hoje o herdeiro dos processos laboratoriais que sempre fizeram parte essencial do trabalho, do encanto e do mistério da fotografia. Permite o tratamento das imagens digitais, levando os seus utilizadores a patamares criativos quase sem limites ou fronteiras. Neste workshop vão ser lecionados os conceitos base para o tratamento de fotografias: apresentação do programa, principais métodos de alteração de cor, seleções, filtros, modos de mistura e opções de camadas, diferenças entre formatos e espaços de cor e preparacão para impressão/ web. Por André Navega, designer.

56

Data: 03 de agosto Hora: 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Preço: 35€ por pessoa (30€ assinantes Revista C) Inscrições para o email: workshops@cnoticias.net.


COMPORTAMENTO

“Leões” solidários Estamos a atravessar tempos conturbados e toda a ajuda é bem-vinda. Felizmente existem associações que não desistem de ajudar os mais necessitados. Falámos com João Paulo Amaral Gouveia, que acaba de ser reeleito presidente do Lions Clube de Santa Catarina, para percebermos (e darmos a perceber) melhor o que é que esta associação faz e como é que se organiza para conduzir as ações sociais solidárias. P: Foi, recentemente, reeleito presidente do Lions Clube (LC) de Santa Catarina. Que significado é que tem para si esta reeleição? R: Já é a terceira vez que desempenho a função de presidente do LC Santa Catarina. Para além disso, já desempenhei a função de Presidente da Divisão 4, divisão na qual estão integrados os LC Arganil, LC Cantanhede, LC Coimbra e LC Figueira da Foz. Quero realçar o facto de o LC Figueira da Foz ser o nosso “clube padrinho”. O presidente não é mais que o representante do clube de que faz parte. Enquanto membro da equipa dirigente, é suposto o presidente ser o elo aglutinador e o dinamizador dessa mesma equipa. Relativamente ao significado que tal encerra para mim, diria que fico muito satisfeito por sentir que os meus companheiros do LC Santa Catarina depositam em mim a confiança e o mérito necessários à prossecução dos objetivos definidos para o ano lionístico ( AL ) 2013/2014. P: O que é preciso para entrar num LC? R: Nada de especial! Fundamentalmente é necessária uma forte vontade de auxiliar o próximo, de contribuir, pela sua colaboração, para o bem comum, ajudando aqueles que, evidenciando maiores dificuldades, mais recetivos estão à ajuda. O lema dos clubes Lions é " Nós Servimos ". O serviço à comunidade é o fio condutor da nossa ação. P: O LC de Santa Catarina dedica-se a que causas? R: O LC Santa Catarina, enquanto membro do Distrito CS 115 e da Associação Lions

João Paulo Amaral Gouveira explicou à C a obra humanitária do LC Santa Catarina

"Nós Servimos"

Internacional, partilha das preocupações comuns a todo o movimento Lions. Entre essas estão, fundamentalmente, a diabetes e o combate à cegueira reversível. Tem sido extraordinária a ação que tem vindo a ser desenvolvida pela Associação Lions Internacional. Outra ação de inquestionável mérito tem sido a campanha PERA - Programa Escolar de Reforço Alimentar, fruto de uma parceria entre o Ministério da Educação e a Associação Lions, em que, pela contribuição resultante da aquisição de um " pin ", se pretende assegurar um refeição diária a uma criança. P: A ação dos Lions é do conhecimento público? O que é que tem sido feito para a sua divulgação? R: Nem sempre a comunicação, sobretudo como auxiliar na divulgação das muitas ações levadas a cabo, tem sido aproveitada da melhor forma pelo movimento Lions. Ultimamente tem sido colocado um enfoque especial nas divulgações levadas a cabo. O que não é conhecido não existe! Muitas são as ações levadas a cabo, nos mais variados setores, pelos clubes Lions, no entanto nem sempre os mesmos têm demonstrado uma grande eficácia na sua divulgação. Só pelo conhecimento das iniciativas do movimento Lions será possível assegurar o contributo de um maior número de pessoas, contribuindo, assim, para o reforço do quadro social dos clubes e, por maioria de razão, da Associação Lions Internacional. P: No ano em que LC de Santa Catarina faz 20 anos, faça um balanço sobre o que o clube já conseguiu até hoje. R: O LC Santa Catarina não deixa de ser um clube Lions muito jovem. Basta ver que o seu padrinho, o Lions Clube Figueira da Foz já tem mais de 50 anos de existência. No entanto, vasta tem sido a sua ação

É o lema dos membros do clube

Com Frederico Burnay, governador do Distrito 115 Centro Sul

aos vários níveis. Destaco só alguns: aquisição, recuperação de um moinho de vento, posteriormente oferecido à Junta de Freguesia de Brenha; contribuição para a recuperação de um carro dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, viatura a que, de resto, foi dado o nome de Lions Clube Santa Catarina; oferta de um " Tirolo " à Câmara Municipal da Figueira da Foz, o que permitiu a cidadãos com dificuldades motoras especiais o desfrutar de um banho de mar, pois esse equipamento permitia a deslocação dos mesmos até ao mar; distribuição anual e sistemática de cabazes a famílias carenciadas, que resulta de uma estreita colaboração com as diversas juntas de freguesia, instituições essas às quais é atribuída a identificação das famílias benificiárias; recolha e oferta de mobiliário. Mas estas são apenas algumas de muitas outras ações que têm sido levadas a cabo. Quais são os planos para este novo mandato? Este mandato vai ter como objetivo fulcral o reforço do quadro social do Lions Clube Santa Catarina. Fruto da conjuntura desfavorável de que todas as instituições são alvo, a ação dos clubes de serviço revela-se cada vez mais difícil. Só o reforço do quadro social dos clubes pode contribuir para uma ação mais eficaz da sua parte.

O que é um Lions? Lions Clubs International é a maior organização internacional de clubes de serviço do mundo, vocacionada para serviços humanitários, fundada por Melvin Jones em 1917.


COMPORTAMENTO

O que é e para que serve o

g n i d n u Crowdf O Crowdfunding é um movimento de financiamento coletivo em que qualquer um pode contribuir monetariamente para a execução de um projeto.

S

58

Mesmo qu e não tenha um projeto para ap resentar, inscreva-s e nas plata formas co mo apoian te de projetos. R eceberá in formações relati vas aos pro jetos apresenta dos e pod e começar a doar!

e tem um projeto e precisa de capital para dar os primeiros passos considere utilizar uma plataforma de Crowdfunding. O sistema é simples: com a democratização da Internet e com o embaratecimento dos sistemas de transferência de dinheiro online, hoje em dia é possível conseguir que qualquer pessoa se possa interessar pelo seu projeto e contribuir com quantias pequenas. Normalmente um site de crowdfunding possibilita a inserção gratuita de projetos, sejam eles de índole social, empreendedor ou pessoal. Faça uma boa apresentação do

seu projeto, delimite a quantia a angariar e o tempo em que a campanha vai estar a decorrer. Estabeleça a tipologia das contribuições e o tipo de recompensa a atribuir aos seus mecenas. Por exemplo: se precisa de dinheiro para editar um álbum pode definir que, conforme o valor das doações, os seus financiadores possam receber bilhetes para espetáculos, versões exclusivas do álbum ou mesmo um concerto privado. A C apresenta três plataformas de financiamento coletivo e exemplos de projetos de sucesso. Inspire-se e acredite: há por aí muitas pessoas interessadas em investir em si!

PPL

MassiveMov

Onde? www.ppl.com.pt

Onde? www.massivemov.com

Objetivo? Permitir que o imenso potencial de ideias que fervilham na comunidade possa tornar-se realidade, através da ajuda na angariação de fundos.

Objetivo? Ser uma alternativa de financiamento para projetos inovadores, com valor acrescentado, de empreendedores e empresas.

Como? O promotor estabelece montante mínimo e prazo de angariação. Se a meta proposta for atingida dentro do prazo estabelecido, o promotor recebe os fundos e a plataforma cobra 5% de comissão. Se o montante mínimo não for angariado, o promotor não receberá nada e os fundos serão devolvidos aos apoiantes. A plataforma não cobrará qualquer comissão.

Como? Aceita projetos empreendedores de particulares ou micro e pequenas empresas. São elegíveis projetos que visem a criação de valor para a sociedade e cumpram as regras do site. A plataforma cobra 5% + IVA de comissão SE alcançado o objetivo. Caso contrário nada será cobrado.

Projetos a decorrer (ex.) 100 Gatos de Rua - A ARPA precisa de 1500 euros para esterilizar 100 gatos de rua do distrito de Coimbra. Faltam 15 dias para terminar a angariação e já vão em 37% angariado.

Os álbuns de Frankie Chavez e Primitive Reason foram editados graças às quantias angariadas no PPL.

Projetos a decorrer (ex.) Paradoxa - O Ricardo Rosado precisa de 1500 euros para elaboração, criação, tipografia e distribuição de uma banda desenhada portuguesa. A angariação vai em 11%.

A plataforma espanhola Lánzanos está também a chegar a Portugal (http://www.lanzanos.com/)

BES Crowdfunding Onde? https://bescrowdfunding.ppl.pt/ Objetivo? Os projetos publicados têm um cofinanciamento de 10% pelo Banco Espírito Santo, ao abrigo da sua política de responsabilidade social. A plataforma destina-se a projetos de cariz social promovidos por Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) ou Organizações Não-Governamentais (ONG). Como? O promotor estabelece montante mínimo e prazo de angariação - os projetos não devem exceder 2.500 euros para prazo de 60 dias e 5.000 euros para o prazo de 90 dias. Se a meta proposta for atingida dentro do prazo estabelecido, o promotor recebe os fundos. Se o montante mínimo não for angariado, o promotor não receberá nada e os fundos serão devolvidos aos apoiantes. Caso de sucesso Dê voz ao autismo - A Associação Portuguesa para as Perturbações do Desenvolvimento e Autismo de Leiria (APPDA-Leiria) conseguiu 135% do montante que necessitava para adquirir equipamentos importantes no trabalho técnico com crianças autistas. JULHO 2013


Dificuldade: 3

Considerando que a Google é um polvo com demasiados “braços” na nossa vida online, e que muitos dos serviços e aplicações que usamos são da empresa tecnológica, era de esperar que desaparecer para sempre da Google fosse mais complicado. Não é fácil, nem nenhuma loucura, mas alguns serviços implicam que os dados sejam apagados diretamente nessas aplicações.

Como apagar as suas contas nas redes sociais (numa escala de 1 a 5, em que 5 é o mais difícil)

Para apagar a sua conta principal da Google, entre diretamente na página principal das Contas da Google (accounts.google.com). Selecione Editar. A partir dessa página pode apagar alguns serviços (Orkut, Picasa, e histórico de navegação na Internet) bem como apagar toda a sua conta selecionando Encerrar a conta e eliminar todos os serviços e informações associados. Terá de preencher um formulário criterioso.

!

Se está desiludido com algumas redes sociais ou preocupado com a proteção dos seus dados pessoais, a C explica-lhe os passos para apagar, sem rasto, as suas contas. É que nalguns casos é uma verdadeira dor de cabeça!

Dificuldade: 1

O Linkedin facilita o cancelamento da conta, mas é preciso saber onde procurar. Carregue em Configurações. Irá abrir uma janela com várias opções. Selecione o separador Conta e escolha Encerrar sua conta. Será redirecionado para um inquérito simples onde deve indicar os motivos para querer sair da rede social. Assim que confirme, a sua conta será apagada. De imediato. É o mais transparente.

www.cnoticias.net

Se apenas quer suspender a sua conta, podendo reativar mais tarde, é muito simples: basta ir às Definições de Conta, clicar no separador Segurança, preencher um detalhado inquérito acerca dos motivos da suspensão, selecionar que informações se pretendem manter e carregar Confirmar. Agora a sua conta encontra-se invisível a todos os utilizadores do Facebook, sendo possível, mais tarde, reativar.

A questão é que o Facebook não apaga de imediato as contas e se, a determinada altura, voltar a entrar no Facebook, mesmo que inadvertidamente, o pedido de cancelamento é anulado. Por isso elimine marcadores e aplicações do seu telemóvel ou tablet, para prevenir acessos indesejados.

Após este passo terá de introduzir a sua palavra-passe e voltar a selecionar que quer, de facto, fechar a conta da Google e selecionar um campo em que o utilizador reconhece que ainda é responsável por quaisquer transações financeiras pendentes.

ATENÇÃO: Google Alerts, Groups e Docs não serão apagados. Terá de ir aos seus emails e selecionar “unsubscribe” a partir dos mesmos. No caso do Groups, terá de fazer manualmente, um a um, o cancelamento das subscrições.

Apagar uma conta no Facebook é complicado, havendo duas opções: apagar permanentemente ou suspender caso se mude de opinião mais tarde.

Se a sua ideia é apagar permanentemente a conta do Facebook terá de submeter um pedido ao Facebook através deste link https://www.facebook.com/help/delete_account.

Se tiver associada a sua conta de YouTube, terá de a apagar separadamente.

Após confirmar estes passos, a sua conta será apagada.

Dificuldade: 5

Se desejar ficar com um registo completo da sua atividade nesta rede social pode aceder a Definições de Conta, no separador Geral selecionar Transfere uma cópia dos teus dados do Facebook e aguardar até que uma pasta com todos o histórico de partilhas lhe seja enviado. Mais informações sobre como apagar a sua conta no facebook podem ser consultadas na secção de perguntas e respostas do site (FAQs).

!

Dificuldade: 2

É o oposto do Facebook. Apagar a sua conta no Twitter é relativamente fácil. A política de gestão de contas destas empresas está constantemente a ser alterada pelo que alguns destes passos, embora sejam possíveis, podem não estar a ser disponibilizados da mesma maneira nos respetivos sites.

Tudo quanto tem de fazer é aceder às Definições de Conta e selecionar a opção Desativar a minha conta que se encontra no fundo da página. Este passo é definitivo embora possa demorar até um mês para que os seus dados desapareçam por completo do sistema...

59


SAÚDE E BEM ESTAR Consumida em países como a Malásia, Nigéria e Papua Nova Guiné, a larva de palmeira é rica em proteínas, potássio e cálcio. Esta larva gorda pode ser consumida viva, diretamente retirada da madeira, ou frita (dizem que crua tem sabor a coco e que frita lembra o bacon).

Larva de Palmeira

Uma iguaria para cambojanos e venezuelanos. Esta aranha é, tradicionalmente, frita em óleo quente, com sal, açúcar, alho e pimenta antes de ser vendida inteira. As patas são crocantes, enquanto a barriga é pastosa. O sabor lembra uma mistura de caranguejo com nozes.

Tarântula

Cigarra

Libelinha

É consumida no Japão, China, Ásia e partes dos EUA e tem sabor a espargos. Os caçadores apanham-nas antes de morrerem (para que a casca não endureça) para fritá-las ou salteá-las e consumi-las, já que tem até 40% de proteínas.

Escorpião

Este aracnídeo é servido como um snack ou um kebab frito em países como Vietname, Tailândia e China. O sabor lembra camarão com casca.

VAMOS TODOS COMEÇAR A

COMER INSETOS

A entomofagia, como é conhecida a prática de comer insetos, é geralmente rejeitada pela maioria das pessoas. Todavia, são considerados uma iguaria em alguns pontos do mundo e podem ser a chave para o problema da escassez de alimentos. É a última arma das Nações Unidas na luta contra a fome, o aquecimento global e a poluição: os insetos comestíveis estão a ser promovidos como uma opção com pouca gordura e rica em proteínas para humanos, animais de estimação e rebanhos. Segundo a ONU, os insetos têm benefícios extra: reduzem as emissões de

Térmitas Os habitantes do Oeste africano, da Austrália e de partes da América do Sul são grandes apreciadores. Cruas, são salgadas e ganham o sabor da madeira que consomem. Também podem ser comidas fritas ou assadas e têm um sabor adocicado como o das cenouras.

60

Na Indonésia este inseto é consumido cozido ou frito e tem um sabor similar ao da casca macia dos caranguejos.

gases que causam o efeito estufa e a poluição causada pelas criações tradicionais de gado, geram empregos em países em desenvolvimento e já alimentam milhões de pessoas um pouco por todo o mundo. A C selecionou alguns desses insetos. É repugnante para alguns, mas pode ser o futuro da alimentação mundial.

Grilo

Tostados e crocantes, são servidos no México com chili e limão, em barracas na cidade de Oaxaca, como se fossem amendoins. O sabor é salgado e apimentado.

Larvas Huhu

Apreciadas na Nova Zelândia, estas larvas são encontradas na madeira podre e são consideradas uma iguaria consumidas cruas ou salteadas. É um alimento rico em proteínas, com sabor a manteiga de amendoim.

Larva de vespa amarela No Japão a iguaria é preparada com as larvas de vespa amarela e chama-se hachinoko: são cozidas em molho de soja e açúcar até ficarem crocantes. Algumas vespas adultas também são incluídas no prato, que ganha um sabor adocicado e crocante.

JULHO 2013


CANTANHEDE · COIMBRA · FIGUEIRA DA FOZ · LEIRIA · POMBAL T (+351) 239 096 900 · uhc@idealmed.pt · facebook.com/IdealMedUnidadeHospitalarDeCoimbra · WWW.IDEALMED.PT


SAÚDE & BEM ESTAR Pequeno almoço rico e energético

Pode comer, mas só um bocadinho!

• um crepe simples • uma colher de chá de mel • canela para polvilhar • um sumo de laranja natural • um café (sem açúcar)

O verão chegou em força e trouxe com ele as preocupações de eliminar alguns quilos extra para vestir os tão cobiçados biquínis ou ficar bem de calções e tronco nú. Por Paula Simões - Dietista

P

arece tarefa fácil, mas como é que vamos evitar o sr. da bola de berlim que parece não sair de roda da nossa toalha? E o gelado depois do almoço? Para não falar da refrescante caipirinha... Já dizia o velho ditado: “se não os podes vencer, junta-te a eles!”. Isto, sem esquecer que quanto mais moderadas forem as escolhas, menor será o “preço a pagar”. Está de férias? Inicie o seu dia com um crepe simples, decorado com uma colher de chá de mel e polvilhado com canela.

250 kcal

Acompanhe com um sumo de laranja natural e termine com um café. E depois de um pequeno-almoço de aproximadamente 250 quilocalorias (kcal), pegue na toalha e vá a pé até à praia ou nade na piscina. O calor convida a uma sobremesa gelada depois do almoço? Escolha o sorvete em vez do gelado. Pode ter até metade das calorias e é isento de gorduras. Ao fim da tarde aproveite o fresco da casa e faça uns exercícios de tonificação (veja estes aqui ao lado recomendados pelo Holmes Place). Se está na praia e lhe apetece uma bola de berlim com creme, saiba

Fino ou imperial

150 kcal

que esta pode ter 725 kcal e para as gastar terá que correr intensamente, em areia fofa, pelo menos uma hora. Poderá sempre repartir o "pecado" com alguém e, assim, não só terá companhia para correr, como a duração daquela passará para metade. E depois do jantar, o copo com os amigos, acompanhado de uns salgadinhos... Se está indeciso entre a caipirinha e a cerveja, podemos dizer-lhe que a primeira tem quase mais 100 kcal. Uma cerveja (150 kcal) tem maior riqueza nutricional e um quarto do teor alcoólico da caipirinha.

Se a sua dúvida está no acompanhamento então a escolha poderá ser mais difícil. Em 100 gramas de camarão ou tremoço, a diferença calórica não é muita, 145 kcal e 120 kcal respetivamente, mas têm características nutricionais muito diferentes. Portanto, se está com dificuldades em escolher, opte pela variedade e coma um pouco de cada. Para queimar mais calorias termine a noite com uma caminhada à beira mar ou a dançar. Estar de férias não significa abdicar do que se gosta de comer. Mantenha a disciplina e vai sentir-se muito bem!

Bola de Berlim

Pires de camarão

725 kcal

100g

Se não conseguir resistir a este bolo vai ter de correr, pelo menos, uma hora na praia

145 kcal

Pires de

120 kcal tremoços 100g

Caipirinha

250 kcal

62

JULHO 2013


1. Agachamento

4.Extensão da coxa

Com os pés paralelos, fletir os joelhos (aproximadamente 90 graus), membros superiores à frente e tronco ligeiramente inclinado. Regresse a 1 realizando uma extensão dos joelhos até todo o corpo estar vertical com o olhar dirigido para a frente e as mãos sobre a bacia.

1

(perna em extensão) 1

2

2. Fundos Com os pés afastados e direcionados para a frente, levar o joelho de trás verticalmente para o chão sem avançar o joelho do pé que está avançado.

1

O olhar deve estar dirigido para a frente, podendo fixar um ponto se houver dificuldades em equilibrar, e apenas o 1/3 anterior do apoio de trás deverá estar em contacto com o chão.

2

3. Agachamento (SUMO) Realizado da mesma forma que o exercício 1, com a variante dos pés estarem direcionados para fora, quer no início quer no final.

Com os antebraços, um joelho e pé respetivo apoiados no colchão...

6

2

... realizar uma extensão da coxa da perna que não está em contacto, sem aumentar a curvatura na região lombar.

5.Extensão da coxa (perna em flexão)

Semelhante ao anterior mas com o joelho que realiza o movimento em flexão (aproximadamente 90 graus).

Exercícios para pernas e glúteos tonificados Siga este plano de exercícios para tonificar as pernas e os glúteos. Por Juliana Santos e Marcos Simões, instrutores no Holmes Place. Fotos Revista C

1

Neste caso deverá dirigir o calcanhar para cima e evitar o aumento da curvatura na zona lombar.

2

6.Abdução da coxa

Em decúbito lateral, com o joelho da perna apoiada fletido...

O seu plano 3 vezes por semana 3 séries de 15 repetições cada exercício

1

... realizar uma elevação lateral da outra perna que está em extensão, mantendo a ponta do pé para a frente.

1

Oferta de um dia para duas pessoas 2

www.cnoticias.net

www.holmesplace.pt

2

Oferta válida na apresentação ho da edição de jul da Revista C (até 31/07)

63


PAIS E FILHOS

Quando uma mãe ajuda outra mãe… NASCE UMA DOULA

Mariana Simões, doula, Leiria: "descobri que para se ter uma boa experiência de parto não bastava ser uma grávida saudável"

Elas são mães que têm o dom de poder ajudar outras a serem mães. As doulas dão à mulher a oportunidade de ter uma experiência de gravidez e maternidade mais gratificante e, com este apoio, permitem que toda a família relaxe e desfrute da experiência. Naturalmente, com amor, carinho e compreensão. POR M. O.

A

s mulheres têm necessidades complexas durante o parto. Além da segurança dos cuidados da obstetrícia moderna, e o amor e companheirismo fornecido pelos seus maridos, as mulheres precisam de tranquilidade, conforto, incentivo e respeito. Elas precisam de cuidados individualizados com base nas suas circunstâncias e preferências. Para quem ainda não é mãe, poderá não ser fácil compreender o precioso trabalho que as doulas fazem. Apesar do seu papel ainda ser pouco conhecido em Portugal,

64

as doulas têm apoiado várias mulheres ao longo do tempo e a sua popularidade está a crescer como resultado do “boca a boca” e da necessidade de maior apoio na maternidade. Esthér de Leon é médica em Coimbra. Mas também é doula. No ano passado recebeu o prémio “Doula Revelação” no Encontro Nacional de Doulas, em Évora. “Foi a vontade de ser mãe que me aproximou das doulas. Eu queria viver a minha gravidez e parto de uma forma natural, respeitada e plena. Sou profissional de saúde, médica de família. A visão da medicina alopática e a minha experiência a trabalhar nela condicionavam de alguma forma, nessa altura, a minha visão

sobre a gravidez, parto e pós-parto. Senti que precisava abrir os meus horizontes, baseada em evidências, mas sobretudo em confiança e amor, pelo que fui fazer a formação de doulas. Esta formação trouxe-me grandes descobertas e transformações, e uma vontade nascente de estar perto de outras mulheres, de acompanhá-las no seu processo de transformação como mães” explica. Apesar de exercer a atividade há relativamente pouco tempo, refere que esta não interfere com a sua profissão: “O acompanhamento durante a gravidez pode ser adaptado aos horários e disponibilidades de cada um. Por vezes é um pouco mais difícil gerir/organizar horários e disponibilidade para acompanhar os partos, mas tudo se faz e se consegue se assim se deseja”. Mariana Simões também é doula. Acompanha mulheres em Viseu e Vila Real desde 2008, mas foi a curiosidade que a levou, em 2007, a frequentar um curso de Educadoras Perinatais com uma equipa de especialistas brasileiros. “Eu, que nunca tinha tido filhos, percebi aí que parir em Portugal não era propriamente como eu tinha idealizado, porque conheci relatos de partos verdadeiJULHO 2013


ramente atrozes e descobri que para se ter uma boa experiência de parto não bastava ser uma grávida saudável”. E foi aí que descobriu as doulas, mulheres que acompanhavam os casais durante a gestação e que os fortaleciam nas suas opções. “Senti-me totalmente identificada e assim começou a minha viagem. Formei-me como doula pela Associação Doulas de Portugal em 2008 e não parei mais de estudar sobre o assunto”, realça. Claro que durante a maternidade não dispensou a presença de uma doula: “Escolhi as minhas doulas pela empatia que sinto por elas, segui o meu coração e o instinto, tanto na primeira gravidez como na segunda. E foi essencial tê-las a acompanhar-me ao longo de toda a gestação e pós-parto. Nos meus partos propriamente ditos nunca tive doula, porque moro longe de todas elas e tenho partos muito rápidos, uma conjugação que não ajudou. Da próxima vez vou ter de escolher uma doula com jacto privado”, brinca.

Acreditar no poder da maternidade Maria José Valinhas é membro fundador da Associação Doulas de Portugal. Fez parte da primeira formação para doulas em

Esthér de Leon é doula e médica

Maria Valinhas, membro fundador da Associação Doulas de Portugal.

O lado íntimo e feminino da maternidade

O crescente recurso a doulas prende-se com a necessidade de maior apoio na maternidade.

Para ser doula é importante que tenha a experiência de ser mãe (ou instinto) mas, acima de tudo, que seja capaz de ouvir as outras mães, saiba dar espaço à nova mãe, mulher, ou seja, à família em nascimento. É preciso ter um amor incondicional ao feminino e acreditar que a mulher que está a acompanhar é capaz de conseguir  o parto com que sempre sonhou.

PUB

www.cnoticias.net

65


PAIS E FILHOS Portugal, em 2005, e desde aí não dispensa acompanhar as grávidas que assim o desejem. “Foi uma coisa que foi nascendo em mim. Depois do segundo parto (parto natural em ambiente hospitalar, mas com direito a episiotomia) percebi que parir era algo maravilhoso e que queria partilhar isso com outras mulheres. Um dia, no final de 2004, ao folhear a revista XIs, encontrei um artigo sobre duas mulheres que tinham ido fazer a formação de doulas com o Michel Odent e disse para mim mesma: é isto” afirma a professora de Aveiro. Na quarta gravidez decidiu ter a filha em casa e para acompanhar o momento do parto pediu à amiga Ana Raposeira, também ela doula, para estar presente: “A Iris nasceu em casa na companhia do pai, da doula e da parteira Mary Zwart. Foi muito bom ter a doula Ana por perto durante o trabalho de parto. Apesar de conhecer bem o que se estava a passar, as palavras de confiança de outra mulher ao nosso lado são muito bem-vindas”.

A recompensa… e as histórias que não esquecem Para ser doula é importante que tenha a experiência de ser mãe mas, acima de tudo, que seja capaz de ouvir as outras mães, saiba dar espaço à nova mãe, mulher, ou seja, à família em nascimento. É preciso ter um amor incondicional ao feminino e acreditar que a mulher que está a acompanhar é capaz de conseguir  o parto com que sempre sonhou. O trabalho da doula está dentro da envolvência do mundo feminino geral e universal. Ela trabalha com mulheres grávidas, com os companheiros/as delas, com os seus bebés, com outras doulas, com as/os parteiras/os. “No meu caso, o meu trabalho como doula acaba por se alargar também a um forte ativismo na humanização do parto, que considero ser igualmente importante. É preciso que o nosso sistema de saúde transite, pouco a pouco, para as condições de atendimento que os casais estão a exigir e que ainda não são oferecidas, de uma maneira geral, nos nossos hospitais”, realça Mariana Simões. No final de cada acompanhamento, o sentimento de recompensa é sempre superior a qualquer outra coisa. Para Esthér de Leon a melhor recompensa, “da mesma forma que como médica ou terapeuta, é acompanhar um processo de transformação, de cura. Servir, ajudar a sanar. Acompanhar a experiência maravilhosa que é a gravidez. Presenciar a bênção que é um nascimento...e tantas outras”. A médica 66

tos, os médicos maioritariamente por amor à profissão, tinham um relacionamento próximo e afável com as mulheres, embora curto e descontinuado. No estágio conheci uma menina de 17 anos. Estava em trabalho A doula é alguém que conhece e de parto e estava francamente assustada, compreende a fisiologia do parto, apesar de estar tudo a correr dentro da e que respeita e tenta assegurar normalidade. De uma forma espontânea e as necessidades básicas de uma instintiva, acompanhei esta menina duranmulher em trabalho de parto. te todo o trabalho de parto: nas avaliações Segundo um estudo de 1993, apresenmédicas, nos momentos de intimidade tado por Kennel e Klaus, a presença ou solidão, na sua angústia e medo, mas de uma doula durante o parto tem os também na sua força e coragem...” destaca, seguintes benefícios: redução de 50% realçando que “foi uma experiência intensa na realização de cesarianas, de 25% na e maravilhosa, que nos ficou gravada a duração do trabalho de parto, de 60% nos pedidos de anestesia epidural, de todos no coração. Durante muitos anos 30% nos pedidos de alívio da dor, de recebi o convite para ir comemorar os anos 40% no uso da oxitocina sintética e de do pequenino...pena que Cuba fique tão 40% no uso de forceps. Tudo porque a longe e, sobretudo, tão cara”. doula está ao lado da mãe, promovendo Já Maria José Valinha recorda a sua história a sua autoconfiança e apoiando as suas decisões informadas e conscientes. pessoal. "De uma cesariana com epidural após 18 horas de trabalho de parto até um parto em casa passaram-se quase 10 anos. recorda com carinho uma história que a O meu segundo parto (parto natural), da marcou e que foi, provavelmente, a sua minha filha do meio, foi um abrir de portas primeira experiência como doula: “Tinha na minha consciência que me levou a um acabado o 5.º ano de medicina e durante o crescimento pessoal, a um verão fui fazer um estágio de ginecologia ganhar de confiança na e obstetrícia ao Hospital Cirúrgico de minha natureza de Santiago de Cuba, em Cuba. Naquele mulher e a um parto "Servir, ajudar a hospital faziam-se partos menos sereno em casa. sanar. Acompanhar a intervencionados, em parte por Acredito no poder experiência maravilhosa critério, ou por limitação de recurtransformador da que é a gravidez. Presos. Os profissionais de saúde que maternidade”. senciar a bênção que é acompanhavam e assistiam os parum nascimento..."

O que é uma doula?

Classe médica desconhece benefícios Vários estudos comprovam os benefícios da presença de uma doula durante o trabalho de parto, diminuindo significativamente o número de intervenções médicas desnecessárias e aumentando a satisfação das mulheres relativamente à sua experiência de parto. Em Portugal a figura da doula ainda é pouco conhecida, principalmente junto da classe médica. “Pela minha experiência como doula e como médica penso que muitos profissionais de saúde desconhecem a figura da doula, pelo menos no que diz respeito aos cuidados de saúde primários. Relativamente aos cuidados hospitalares,

nomeadamente os ginecologistas e obstetras, na minha opinião, mostram algum desconhecimento assim como reticência à atividade das doulas, nomeadamente à presença destas durante o parto. Este, do ponto de vista médico, é infelizmente um acontecimento maioritariamente orgânico, e a figura da doula para muitos carece de importância ou é inclusivamente incomodativa. Não existe de facto reconhecimento, e em muitas ocasiões também não existe respeito” esclarece Esthér de Leon. Mariana Simões partilha a mesma opinião, mas acredita que as mentalidades já estão a mudar: “Neste momento as doulas ainda não são amplamente reconhecidas e aceites, mas isso vai mudando devagarinho, tal como na sociedade em geral. Já há médicos que aceitam doulas nas suas salas de parto e, inclusivamente, que aconselham o acompanhamento ao longo da gravidez, a par do acompanhamento clínico”.

JULHO 2013


PAIS E FILHOS

Vencedor de junho PASSATEMPO REVISTA C

BEBÉ do Mês

AVISO Esta págin a pode conte r excesso de fofura!

Ana Coelho 4 MESES

Porque "o melhor do mundo são as crianças", a Revista C desafia os leitores a escolherem o Bebé do Mês. Vote em www.facebook.com/RevistaC

REGULAMENTO

Beatriz Rama 8 meses

Martim Melo 5 meses

Rafael Ferreira Vaz 2 anos

Vitória Calhau 18 meses

• Para concorrer basta enviar uma fotografia do seu bebé, com indicação do nome, idade e autorização de publicação de fotografia para o email paisefilhos@cnoticias.net • Idade máxima: 3 anos • Os pais só poderão colocar a criança a concurso uma única vez. • As votações decorrem online, no facebook da Revista C, e contam desde a data de publicação das fotos até ao momento em que a revista anuncia o fim das votações. • A fotografia do bebé mais votado (com mais "likes" na foto publicada no facebook da Revista C, e apenas naquela página) ganha o prémio mensal. • No final do ano todos os "Bebés do mês" voltarão a concurso e será escolhido o Bebé do Ano (prémio a anunciar) • Não há recurso da decisão. Apenas contam os "likes".

PRÉMIO MENSAL Uma sessão fotográfica + book no estúdio m

http://www.estudio-m.com/


PAIS & FILHOS

Potencie a Motivação Inicial

C

ompreendemos a leitura como parte integrante do nosso dia-a-dia e sabemos o quão importante é para o nosso desenvolvimento bio-psico-social. Os benefícios dos hábitos de leitura são infindáveis, sabemos que crianças e jovens que leem mais têm maior probabilidade de não apresentar tantas dificuldades em contexto académico, são melhores escritores e apresentam também uma organização percetiva e conceptual superior. Estas são também algumas das capacidades que nos auxiliam nos processos de retenção e recuperação das aprendizagens, essenciais para a aquisição de conhecimentos nos mais variados contextos. No entanto, é por vezes difícil transmitir esta necessidade aos nossos filhos.

70

!

Quando a situação da leitura ainda é um pouco estranha escolha leituras reduzidas, para potenciar a chegada ao final do livro e o consequente sentimento de motivação e conquista. Ou ainda, divida leituras mais extensas em blocos mais pequenos. O mais importante é fomentar a leitura e não quantificá-la.

Adeque a Leitura

!

Importa adequar e adaptar a leitura, em primeiro lugar, à faixa etária, e em segundo lugar no que se refere às temáticas, isto porque, se não gostarmos de ficção científica também não iremos gostar de ler acerca desse tema.

Como incentivar a leitura no seu filho?

A sugestã o de incentiva r momentos de leitura ante s de dormir po derá constituir-s e como benéfico

Encontrar uma forma de incorporar os hábitos de leitura nas atividades quotidianas poderá não ser tão difícil quanto aparenta. Aqui ficam algumas “dicas” simples que poderão ser adaptadas a crianças e jovens. Por Ana Oliveira, Mestre em Psicoterapia e Psicologia Clínica

Avance de Forma Progressiva

!

Numa fase inicial em que poderá existir um forte desinteresse pela atividade leitora, importa não criar situações que poderão potenciar o afastamento do gosto pela leitura. Avance com calma, não use chavões sobre o quanto a leitura é importante para a nossa vida, ao invés, descreva situações em que a leitura o fez sonhar, faça o seu filho descobrir o gosto pela leitura e não a obrigação.

Ambiente de Leitura

!

Quando ainda sentimos que a criança ou jovem resiste à leitura, torna-se importante criar condições propícias à focalização da atenção. Neste sentido, a sugestão de incentivar momentos de leitura antes de dormir poderá constituir-se como benéfico, ressalvando que a criança ou jovem não deverá apresentar, para este efeito, níveis elevados de cansaço.

JULHO 2013


Leitura a Par

!

Este método é mais utilizado com crianças e divide-se em duas modalidades. A primeira diz respeito às crianças que ainda não dominam a leitura - sentamos a criança ao colo ou ao pé de nós; abrimos o livro de modo a que os dois tenham acesso visual ao conteúdo; vamos lendo em voz alta e colocando questões, apontando para imagens, entre outras formas de estimulação. A Segunda modalidade pressupõe que o livro seja lido em voz alta ao mesmo tempo pelos dois, tanto quanto possível em uníssono, sendo desta forma possível detetar e corrigir alguns erros fonológicos e de fluência.

Estimule a Criatividade

!

Podemos potenciar a criatividade e consequentemente a motivação para a leitura através de momentos de reflexão compreensiva, ou seja, quando estamos a ler um livro podemos parar em fases cruciais da história e questionar, por exemplo “O que achas que vai acontecer a seguir?”, “O que te parece que ele está a sentir?”, “O que farias nesta situação?”, “Concordas com o final da história? Porquê?”

!

!

Alguns filmes são ótimos veículos para aguçar o gosto pela leitura. Podemos optar por ver filmes que tenham também uma versão da história impressa em livro, assim a motivação para a atividade leitora aumenta e podemos sempre promover a descoberta das diferenças que existem na história na passagem da versão em filme para a versão em livro e vice-versa.

www.cnoticias.net

Poderá ser interessante seguir algumas sugestões que aparecerão nos livros, como por exemplo, fazer uma experiência, fazer uma receita, ou até ler outro livro. Por vezes se lermos livros que se reportem ou em que a ação ocorra num determinado lugar, podemos mesmo visitar esses locais, fomentando ainda mais o gosto pela leitura e oferecendo-lhe uma aplicabilidade prática.

Revistas Infantis e Juvenis

!

Fazer a assinatura de uma revista infantil ou juvenil ao gosto do seu filho poderá ser uma boa opção para a criação de rotina na leitura. Deste modo poderão partilhar até alguns momentos de descontração, como por exemplo ir até uma esplanada onde os pais leem o jornal e a criança ou jovem lê a sua revista.

Adquira um Dicionário

!

Visione Filmes

Assinar um a revista infa ntil ou juvenil ao gosto do seu filho p oderá ser uma boa o pção

Siga as Sugestões

Frequente Livrarias e Bibliotecas

!

O hábito de visitar regularmente livrarias e/ou bibliotecas aumenta a probabilidade do seu filho se interessar por novos livros, por sequelas de outros ou simplesmente pelo prazer de ler pequenos excertos das histórias.

Ofereça Livros

!

Oferecer livros ao seu filho ou a outras pessoas criará alguma proximidade com o culto da leitura, potenciando deste modo o incentivo à leitura e o seu enquadramento no dia-a-dia da criança ou jovem.

A aquisição de um dicionário adequado à idade do seu filho será uma boa aposta. Inicialmente, caso não domine a sua utilização, terá que lhe ser explicada. Posteriormente, o que se pretende é que tenha sempre à mão este instrumento que lhe permite descobrir o significado de palavras que não conhece e consequentemente aumentar o seu campo lexical.

Potencie a criatividad ee a motivaçã o para a leitura at ravés de momen tos de reflexão compreen siva

71


À MESA

Cocktail Portugal INGREDIENTES PARA 1 DOSE: • 1 dl de Licor Beirão • 0,5 dl de Martini Rosso • 7 Up • gelo e limão

Cocktail Ginjinha com Lima INGREDIENTES PARA 1 DOSE: • 1 cálice de Ginjinha • Meia lima • gelo PREPARAÇÃO: • Raspe a casca de lima e deite num copo misturador. • Acrescente a ginja e o sumo da lima e agite bem. • Sirva com gelo.

Cocktail de Limoncello e morangos

Shot 100% fruta (sem álcool)

PREPARAÇÃO: • Num copo misturador deite o Martini e o Licor Beirão. • Mexa bem e deite num copo cheio de gelo. • Junte o limão aos quartos e acrescente 7 Up a gosto. • Sirva de imediato.

INGREDIENTES PARA 8 DOSES: • 200 g de ananás • 200 g de morangos • 8 folhas de hortelã • 8 cubos de gelo • açúcar amarelo a gosto

Refrescos &

Cocktails

PREPARAÇÃO: • Num robô de cozinha, junte o ananás, 4 cubos de gelo e as folhas de hortelã. Triture durante 1 minuto e acrescente um pouco de água até obter a consistência desejada. Se desejar, adoce com açúcar. • Distribua pelos copos de shot. • Repita a operação com os morangos e deite cuidadosamente por cima de maneira que não se misturem. • Sirva de imediato enfeitado com hortelã.

Com o calor a apertar apetece uma bebida fresca. Cinco sugestões para acompanhar com gelo! Vera Ferraz (texto, fotos e produção)

Ice tea de ananás, maçã e hortelã

INGREDIENTES PARA 1 DOSE: • Meio limão • 4 folhas de manjericão • 6 morangos • 2 colheres de chá de açúcar em pó (opcional) • Meio cálice de Limoncello • 1 cálice de vodka de limão • Champanhe • Gelo

(sem álcool)

PREPARAÇÃO: • Corte o limão em quartos. • Esmague os morangos, junte o açúcar e as folhas de manjericão cortadas. Acrescente a Limoncello e a vodka e mexa bem. • Deite gelo num copo e acrescente a mistura anterior. • Acrescente o limão e cubra com champanhe. • Sirva de imediato.

PREPARAÇÃO: • Leve 500 ml de água a ferver e junte a fruta cortada aos pedaços. • Deixe cozer durante 10 minutos. Triture e coe. Adicione a hortelã e a saqueta do chá. Deixe em infusão durante 5 minutos. Retire a saqueta, adicione o açúcar e a restante água. • Deite num jarro e sirva fresco com gelo e hortelã.

INGREDIENTES PARA 1 DOSE DE 1 LITRO: • 750 ml de água • 50 g de açúcar • 2 rodelas de ananás • 1 maçã • 6 folhas de hortelã • 1 saqueta de chá preto • gelo


À MESA O Bacalhau à Campino (24€ meia dose e 28€ dose) e os Cascos à Ribatejo (15€ a unidade, 45€ meia dose e 60€ dose) são as especialidades da casa.

SOLAR DOS AMIGOS E ILHA DO PARAÍSO Rua Principal 49 - Guisado 2500-633 Salir de Matos Almoço: a partir das 12h Jantar: a partir das 19h Encerra à quarta-feira CONTACTOS: T. 262877135 www.solardosamigos.com

Solar dos amigos & Ilha do Paraíso Para conhecer este espaço com quase quatro décadas de atividade vale a pena fazer quilómetros: se gosta de um bom bacalhau ou de um belo naco de novilho assado na brasa decore este nome.

C

hegar lá não foi fácil. Mas ao longo da estrada, que não tinha nenhuma sinalização relativamente ao restaurante, parece que fomos levados pelo cheiro da boa comida confecionada no Solar dos Amigos e Ilha do Paraíso. Ficámos surpreendidos logo à chegada: um restaurante com decoração rústica, onde predomina a arte equestre, mesmo no centro de Guisado, em Caldas da Rainha (Leiria). Luísa Nunes, atual proprietária do restaurante, recebeu-nos com simpatia e atenção. Depois de nos dizer que o “boca a boca” é a única publicidade que tem, explicou-nos o motivo da decoração: “O meu pai abriu isto quando eu tinha 13 anos de idade. Entretanto emigrou para os Estados Unidos

74

e deixou-me o restaurante que, até hoje, está com uma decoração tauromáquica, porque temos uma criação de cavalos e, por isso, uma ligação à arte equestre”. O que inicialmente era um cantinho para os amigos petiscarem, depressa se tornou um restaurante típico com bons pratos da gastronomia portuguesa, com noites de fado e a lareira acesa. Selas, cabeças de cavalos esculpidas em madeira, ferraduras em forma de candeeiros, cartazes de touradas, telhas e pratos pintados com imagens destes animais decoram as cinco salas que levam 200 pessoas no total e que enchem aos fins-de-semana. Ao entramos nas salas, a primeira sensação que sentimos é a de estarmos num espaço acolhedor que nos leva aos tempos de infância, quando íamos comer

a casa dos avós. Logo na primeira sala – sala do cavaleiro - um enorme braseiro denuncia a especialidade do restaurante: os grelhados! A degustação começa com as entradas: enchidos caseiros do melhor, requeijão com doce de abóbora, azeitonas, pão caseiro… Tudo do bom e do melhor. Continuamos com o prato principal: o bacalhau à campino (servido dentro de um pão) e os cascos à Ribatejo (novilho) são as especialidades da casa, que dá destaque também ao torricado (bacalhau assado coberto com pão caseiro torrado e azeite) e, ao fim-de-semana, ao cozido à portuguesa e ao cabrito. Tudo feito na lareira, “que era como as pessoas comiam antigamente quando andavam com os cavalos no campo”. E não se preocupe, porque as meias doses são muito generosas e a preços convidativos. Se ainda tiver estômago para mais, apresentam-lhe um cesto cheio de sobremesas caseiras que dificulta a escolha: desde doce do campino ao chocolate com suspiros, passando pela delícia de salame. Para acabar da melhor maneira, beba um gole de ginjinha de Óbidos caseira com uns bolinhos feitos lá na casa. Em pleno verão, e com a Nazaré tão perto, aproveite para fazer um “dois em um”: o gosto ao corpo (na praia) e ao estômago (neste restaurante). Acredite, se gosta de apreciar boa comida, aqui vai ser feliz… JULHO 2013


Desfrutar com prazer do melhor de Portugal

É, garantidamente, um dos restaurantes com mais alma na região. Uma festa para os sentidos é o que espera os clientes. Entra-se por uma porta estreita e dá-se de caras com uma senhora meiga de volta de uma lareira absurdamente gigante onde, para as chamas, pingam gulosas carnes ou generosas postas de bacalhau. Os olhos também comem e o restaurante, com a sua decoração rústica e inquietantemente familiar, obriga a cancelar qualquer obrigação que se tenha nas próximas horas. Não se fique por provar: coma de tudo! Se existe lugar para se sentir culpado pela gula é nesta Ilha do Paraíso!

Luísa Nunes é a proprietária, não tira férias desde os 13 anos e grelha todas as iguarias num enorme braseiro ali, mesmo em frente aos clientes PUB

www.cnoticias.net

75


À MESA http://hojeparajantar.blogspot.pt/ Vera Ferraz (texto, fotos e produção)

PREPARAÇÃO: •

• • • •

Numa frigideira, aqueça um fio de azeite e adicione o dente de alho picado. Deixe cozinhar por 1 minuto e junte o alho francês às rodelas. Deixe cozinhar por 2 minutos e acrescente o pimento vermelho picado e a curgete cortada aos cubinhos. Mexa até os legumes estarem macios e junte fiambre cortado e tomilho fresco e tempere com uma pitada de sal. Forre as tarteiras com papel vegetal e distribua este recheio pelo fundo. Faça uma camada de queijo por cima dos legumes. Misture os ovos com o leite e a mostarda e tempere com sal, pimenta e noz-moscada. Deite por cima do queijo ralado e leve ao forno a 180ºC durante 30 minutos.

INGREDIENTES PARA 3: • 3 lombos de bacalhau • 1/2 chávena de azeite • 1 cebola • 1 raminho de salsa • 1 raminho de coentros • 1 raminho de cebolinho • 1/2 pimento vermelho • 1 cebola • 2 dentes de alho • 1/2 chávena de leite • pimenta preta q.b. • 1 pão de baguete

Tarteletes light de legumes e fiambre INGREDIENTES: • • • • • • • • • • • •

1 curgete 1 alho francês 1/2 pimento vermelho 1 dente de alho 100 g de queijo mozzarella light 1 colher de chá de mostarda 100 g de fiambre de peru fumado azeite tomilho fresco sal, pimenta e noz moscada q.b. 2 ovos 1 copo de leite

PREPARAÇÃO: • Num tacho, deite o azeite. Em camadas coloque a cebola laminada, o pimento laminado, os lombos de bacalhau, o alho picado e as ervas aromáticas picadas. • Deixe cozinhar em lume brando durante 10 minutos. • Acrescente o leite e quando levantar fervura, baixe o lume e deixe cozinhar até o bacalhau estar macio. • Corte a baguete em fatias e torreas. Disponha o pão numa travessa e por cima o bacalhau. • Retire cuidadosamente o pimento do tacho, regue com um pouco de molho e decore com cebolinho fresco.

Peixe

Bacalhau Aromático

76

ABRIL 2013


INGREDIENTES PARA 1 DOSE: • 1 torta com recheio de morango Dan Cake • 1 saqueta de gelatina de morango • 1 pacote de natas • 3 colheres de sopa de açúcar • 1 lata de leite condensado • 1 lata de leite condensado de leite • 2 folhas de gelatina • 3 ovos • 2 colheres de sopa de maizena • 1/2 colher de café de aroma de baunilha • 500 g de morangos

Sobremesa

Doce sucesso em camadas PREPARAÇÃO: • Forre as laterais da taça com a torta fatiada. Creme de ovos: • Leve o leite condensado ao lume com as gemas. Mexa bem para misturar. • À parte, dissolva a farinha maizena no leite normal e junte ao preparado anterior. Acrescente a baunilha e deixe cozinhar em lume brando, mexendo sempre, até começar a engrossar. Deite no fundo da taça e leve ao frigorífico para solidificar. • •

• • • •

• • www.cnoticias.net

Lamine morangos e disponha-os em camada por cima do creme das gemas. Prepare uma saqueta de gelatina conforme as instruções, deixe arrefecer por uns minutos e deite por cima dos morangos. Leve novamente ao frigorífico para solidificar. Corte as folhas de gelatina aos pedaços e coloque-as numa taça com água fria para hidratar. Batas as claras em castelo. Reserve. Bata as natas e depois de levantarem, junte-lhes o açúcar cuidadosamente. Escorra as folhas de gelatina e leve ao micro-ondas por 15 segundos apenas para dissolver. Junte às natas e mexa para envolver. Acrescente as natas às claras batidas em castelo. Deite por cima da camada de gelatina e enfeite com morangos a gosto. 77


NOME DA SECÇÃO VICIOS&CULPAS

Isto é um computador.

Apple Mac Pro O novo modelo da linha Mac Pro, a família de computadores da Apple destinada a utilizadores profissionais, está a dar que falar não propriamente pelas novas funcionalidades ou pela melhoria do desempenho (que também existem) mas pelo novo design. O mais recente Mac Pro tem a forma de um cilindro preto, aspeto que faz com que ocupe apenas um oitavo do volume do anterior Mac Pro. O novo modelo estará no mercado

78

até ao final do ano, com suporte para até 12 configurações de núcleo diferentes e equipado com a memória ECC, a mais rápida que a empresa já aplicou nos seus computadores. Tem, além disso, suporte FireWire e Thunderbolt 2. Integrando gráficos AMD FirePro, os computadores serão capazes de reproduzir imagens com uma resolução de 4K através de todas as suas saídas e para até três monitores UltraHD, simultaneamente.

JULHO 2013


A Puro, representada em Portugal pela Projecto Visual, acaba de anunciar a disponibilização de uma nova e completa linha de capas para toda a família de tablets da Apple, envolvendo os modelos iPad 2, 3 e 4, e ainda iPad mini. Esta nova oferta destaca-se por ter a chancela da Just Cavalli, a conhecida e prestigiada marca do mundialmente conhecido estilista italiano Roberto Cavalli.

Capas Just Cavalli para iPad CAPAS iPAD CAVALLI de 39,99€ a 59,99€

A máquina perfeita para as férias Esta câmara da Sony permite mudar de lentes e tirar proveito do sensor de 16,1 MP... é uma DSLR totalmente funcional sem o tamanho, peso e preço das convencionais. E filma em HD! É a máquina perfeita para quem procura uma câmara que "ajude" a trabalhar em condições desfavoráveis: possui enquadramento automático (propõe um recorte em estilo profissional da sua imagem original) e capta detalhes com pouca luz, para fotos inesquecíveis também ao pôr-do-sol!

SONY NEX-3NL 499€

Gadgets de verão com cores um tablet

Com a chegada do verão, aqui estão duas sugestões que certamente vão agradar a quem já só pensa no sol e calor, mas sem deixar de parte a tecnologia. A hi-Sun combina estilo com utilidade, apresentando-se em formato mochila, que abre e se transforma numa toalha de praia. É na parte onde assenta a cabeça que se encontram os detalhes mais importantes: além de uma almofada insuflável,

uma toalha

contém duas colunas e uns cabos com uma ligação universal “jack 3,5 mm” para ligar ao telemóvel, leitor de MP3 ou tablet. Graças a uma bateria de lítio, que se carrega via USB, poderá ouvir música horas a fio. A versão “summer” da almofada hi-Sleep é outra das novidades. Feita com o mesmo tecido da toalha de praia, preparado para os banhos de mar ou de piscina, a hi-Sleep inclui o mesmo cabo universal que permite ligar ao telemóvel ou leitor de MP3. Encontra nas lojas Fnac, El Corte Inglés e Staples.

uma almofada O ecrã do tablet bq Maxwell Plus é impressionante: 7 polegadas, tecnologia IPS, multitáctil capacitivo e resolução 1024 x 600. Graças à tecnologia IPS, desfrutará de uma visão completa em qualquer posição e de uma cor e de contrastes 100% reais. A partir de 139,99€

19,99€

59,99€


VICIOS&CULPAS

Linkedin Facebook

1

É a melhor maneira de carregar a rede social no bolso e ter acesso em qualquer momento. E há quem não passe sem ela! A aplicação do Facebook dispõe de um chat com pequenas fotos que aparecem num canto do écran sempre que há uma conversa pendente e também passou a ter “smiles” que podem ser usados nas conversas.

DropBox

14

Dropbox é um dos serviços de armazenamento na nuvem mais populares. Aceda aos seus documentos em qualquer lugar com esta aplicação. Na prática, basta instalar a DropBox no seu smartphone e enviar os documentos para a sua pasta DropBox. Esses documentos serão automaticamente partilhados entre todos os seus dispositivos móveis associados.

Viber

13

O Viber permite falar, de forma gratuita, com outras pessoas em qualquer lugar do mundo, além de enviar mensagens e fotos. Basta ter acesso à internet via Wi-Fi ou 3G. Também tem um recurso de mensagens com vídeo.

Youtube

12

Esta aplicação permite assistir aos vídeos e interagir com outros utilizadores. Também possibilita a elaboração de listas de execução, assinar e acompanhar canais específicos.

4

2

A fórmula do Instagram – que combina diversos filtros e molduras para dar um toque artístico a fotos e vídeos e compartilhá-las em redes sociais – já não é novidade. No entanto, tem novas aplicações: InstaWeather, InstaFood e InstaPlace. É apreciado por quem fotografa casualmente e não gosta de grandes complicações.

14

A aplicação de notícias Flipboard recebe notícias por RSS, trabalha integrada com as redes sociais, oferece um mecanismo de busca para notícias e ainda permite que cada um componha a sua própria revista digital, escolhendo o que será incluído nela. Uma app clássica que não ficou ultrapassada.

Kindle

3

A app para leitura de e-books da Amazon é a versão em software do bem-sucedido e-reader Kindle. A Amazon disponibiliza mais de 13 mil livros digitais em português, sendo 1,5 mil gratuitos. A aplicação inclui dicionários de português, inglês e outros idiomas.

apps

TuneIn Radio

5

O veterano TuneIn Radio continua a ser uma ótima opção para ouvir as emissoras de rádio que transmitem pela internet. Permite pesquisar 70 mil emissoras pelo nome, localização ou tipo de programação, e ouvir as transmissões.

Waze

INDISPENSÁVEIS PARA O SEU

6

O Waze fornece instruções de caminho comentadas em português e ainda informa o preço do combustível em cada posto. Permite programar encontros, informando a posição das outras pessoas envolvidas. Tem também uma  função para marcar o lugar onde o carro ficou estacionado.

Smartphone Quem tem um smartphone, seja ele IOS ou Android, tem de estar munido das aplicações (apps) essenciais… ou então é preferível continuar com o Nokia 3310. A C apresenta 14 apps, todas grátis, para que o seu "phone" seja mais "smart"!

Adidas miCoach  e Nike+ Running

11

O Adidas miCoach e o Nike+ Running permitem-lhe orientar o seu treino (através de GPS) e obter melhores resultados. Ambas as aplicações indicam ao utilizador quando deve aumentar/reduzir o ritmo, gravam o percurso feito pelo utilizador, contabilizam o número de calorias gastas, etc. Tudo isto enquanto ouve a sua música favorita.

Flipboard

10

Esta app permite interagir com outros utilizadores e procurar oportunidades de emprego e de negócios, seguir pessoas influentes ou disponibilizar recomendações.

Instagram

SoundHound

9

Permite identificar as músicas que tocam na rádio. Basta apontar o seu iPhone ou Android para o rádio e, em alguns segundos, obtém o nome da música e do artista, a letra da música e ainda uma pequena demonstração áudio da música em questão.

7

Evernote

A Evernote é a aplicação mais conhecida para anotações e gestão de informações em smartphones e tablets. Tem funções para criar notas, fotografar e digitalizar anotações em papel. Também tem diversos modos de visualização das notas que ficam guardadas na cloud.

Photoshop Express O Photoshop Express é bas-

8

tante diferente das versões mais profissionais do editor de imagens da Adobe. A aplicação móvel combina bons recursos básicos com a facilidade de uso. Oferece ajustes de cores, filtros, efeitos e molduras que podem ser aplicadas às imagens.


Para viciados em Hermann Melo, um dos gurus da Zumba a nível mundial, recomenda aos leitores da C os melhores artigos para a prática da modalidade. Vamos zumbar?

A Zumba, mistura de dança com ginástica e muita diversão, já conquistou quase todo o mundo. Hermann Melo, o segundo maior especialista de Zumba do mundo, esteve na Figueira da Foz, a convite da Associação do Bairro Novo, para uma mega aula de preparação para bater o recorde mundial do guiness, com a maior aula de Zumbatomic.

Hermann Melo

SLAM DROP SHOULDER TEE 29,65€

SPACE CUFF WRISTBAND 2 PACK - 12,35€

FLAUNT IT RACERBACK 19,97€

Vestuário

SLAM SHORTS 29,65€

Para praticar Zumba não necessita de muito mais para além de roupa bastante colorida e, sobretudo, larga para que se sinta à vontade. Os ténis também devem ser confortáveis, podem ser de fitness ou de dança.

STELLAR SAMBA CARGOS 66,86€

Banda sonora As surpresas da Zumba são infinitas. Baseada em músicas latinas e internacionais, é considerada por muitos um verdadeiro antidepressivo. De que é que está à espera? Ponha o CD na aparelhagem e… let the party started!

RHYTHM REVOLUTION CD SET 20,57€

www.cnoticias.net

JOGO WII 45,99€

CINTO 16,99€

Acessórios Para praticar ZumbaToning tem de adquirir pesos, mas muito ligeiros. Este acessório é utilizado para trabalhar a parte superior do corpo.

Z-KICKZ 54,01€

0.5kg ZUMBA TONING STICKS 18,15 €

Produtos podem ser adquiridos em: www.zumba.com/pt-BR O jogo e o cinto podem ser comprados na Fnac


MOTORES

A produção do Focus Eletric, numa linha de grande volume, evidencia o compromisso da marca com a solução

O Focus Electric utiliza a travagem regenerativa para capturar até 95 por cento da energia cinética

Éo primeiro veículo totalmente elétrico a ser produzido na Alemanha diretamente a partir de uma linha de produção de grande volume

A tecnologia ‘Break Coach’ incentiva a travagem gradual para ajudar a recuperar mais energia para a bateria

A Uma carga completa da bateria do Focus Electric em 3-4 horas proporcionará 162 km de autonomia *

82

Ford Motor Company iniciou um novo capítulo da sua história de fabricação automóvel com o arranque da produção do novo Focus Electr ic, o primeiro veículo totalmente elétrico a ser produzido pela Ford na Europa, em Saarlouis, Alemanha. O Focus Electric de emissões-zero é o primeiro da gama de veículos elétricos e altamente eficientes da Ford na Europa, seguindo-se no próximo ano o híbrido ‘plug-in’ C-MAX Energi (PHEV) e pouco depois o novo Mondeo Hybrid. Desenvolvido como veículo global “One Ford”, o Focus Electric vem equipado com um avançado motor elétrico e bateria de iões de lítio que produz 145cv

e atinge uma velocidade má xima de 135km/h. O Focus Electric iniciou a sua produção na América do Norte em dezembro de 2011 e as unidades produzidas em Saarlouis chegarão ao mercado europeu este mês. "O Focus Electric marca o início de uma nova e emocionante era de veículos de passageiros totalmente elétricos da Ford na Europa e demonstra o sucesso da estratégia One Ford ao disponibilizar aos nossos clientes europeus este sofisticado veículo", disse Barb Samardzich, vice-presidente de desenvolvimento de produto, Ford Europa. "É um carro que corresponde às exigências de mobilidade e às preocupações ambientais dos compradores de veículos na atualidade, da forma mais direta possível – combinaJULHO 2013


Tecnologia ‘SmartGauge’ e ‘Brake Coach’ ajudam os condutores do Focus Electric a otimizar o potencial de condução de um veículo elétrico.

Focus Electric

COMPROMISSO SÉRIO COM ZERO EMISSÕES ção de desempenho e tecnologia avançada com uma motorização de emissões zero."

"Smart Gauge" e "Break Coach" recuperam energia O novo Focus Electric é o primeiro veículo totalmente elétrico a ser fabricado na Alemanha, diretamente a partir de uma linha de produção de grande volume. Cada Focus Electric está equipado com um carregador de 6,6 kW totalmente integrado que pode fornecer cerca de 100 km de autonomia, com um carregamento de 2-3 horas, a partir de uma fonte de alimentação de 32 A. Uma carga completa da bateria do Focus Electric em 3-4 horas proporcionará 162 km de autonomia *. O Focus Electric apresenta www.cnoticias.net

uma nova interface denominada ‘SmartGauge’ que calcula e exibe a autonomia com base na energia existente, a utilização do veículo específica do condutor através das informações de aceleração e travagem, e o uso de acessórios, tais como sistemas de áudio e controlo climático. A sofisticada motorização do Focus Electric utiliza a travagem regenerativa para capturar até 95 por cento da energia cinética, normalmente perdida durante a travagem, enquanto o recurso inovador ‘Break Coach’ incentiva a travagem gradual para ajudar a recuperar mais energia para a bateria.

AUTO GARAGEM DE COIMBRA PONTE DE EIRAS Tel: 239 433 800 . www.autogaragem.com

* O tempo de carregamento pode variar em função da utilização do veículo e das condições ambientais. Os tempos aproximados de carregamento têm por base fatores externos como estilo de condução, uso de equipamentos acessórios, estado da bateria em termos de carga e temperatura. Os tempos de carregamento poderão variar em função do sistema de rede elétrica disponível. As autonomias indicadas são medidas de acordo com os requisitos técnicos e especificações da última versão do Regulamento Europeu (EC) 715/2007 e do último regulamento UN-ECE 101- Os resultados de consumo de energia podem diferir dos obtidos noutras regiões do mundo devido aos diferentes ciclos de condução e regulamentos em uso nesses mercados. 83


INICIATIVAS

Verão é na Praia das Rocas

OFERTA

Vale uma entrada na Praia d as Rocas

Ondas a 80km do Mar ... TODOS OS DIAS!

A Praia Fluvial das Rocas é um complexo de lazer, animação e divertimento situado num lago com quase 1 km de extensão, bem no coração de Castanheira de Pera. Uma ilha no centro da Praia, uma piscina de ondas com 2100 m2 (a maior do paí­s), uma albufeira e uma ponte secular constituem um ambiente onde o sonho e a realidade se confundem. As águas lí­mpidas da Ribeira de Pera espraiam-se, formando um local de

encanto onde palmeiras tropicais convivem harmoniosamente com a Serra da Lousã que espreita lá do alto. Pode, ainda, desfrutar de um passeio em barco a remos ou em gaivota e pernoitar num dos veleiros atracados na marina, deixando-se embalar pelo suave baloiçar da corrente fluvial, ou num dos 6 bungalows perfilados na margem da albufeira, com vista privilegiada sobre o enorme espelho de água.

23.ª edição

expofacic

TEMOS CONVITES

VALE UM BILHETE DIÁRIO PRAIA DAS ROCAS CASTANHEIRA DE PERA

UMA OFERTA NO VALOR DE 5,50€ Este espaço destina-se a validação por parte da Prazilândia, EM. Uma vez carimbado e assinado não será mais válido.

Ganhe uma máquina de café febicap

PASSATEMPO FEB Em parceria com os cafés FEB, a Revista C vai ter, no seu stand na EXPOFACIC, café para oferecer aos visitantes. Entre os compradores da edição de julho na feira ou novas assinaturas realizadas no stand, vamos sortear uma máquina FEBICAP, no valor de 125.00€.

Para oferecer aos nossos leitores, temos convites válidos para os espetáculos da Expofacic. Apresente um exemplar da Revista C de julho na redação (ver morada na ficha técnica) e ganha de imediato um convite. Atenção! Esta oferta é limitada ao stock existente. 1 REVISTA = 1 CONVITE PONTUAL COM DATA HORÁRIO DO PASSATEMPO: de 2.ª a sexta-feira, das 15h às 17h, enquanto houver convites.

84

JULHO 2013


PUB

assine a Revista C POUPA DUAS EDIÇÕES POR ANO PREÇO VÁLIDO APENAS PARA PORTUGAL CONTINENTAL

25

€ ano

PARCERIA

Fuga

cartão idealcare

a dois GRÁTIS

GRÁTIS

e ganhe, sem sorteio, uma Fuga a dois no valor de 48,90€ Fuga na Quinta do Pendão – São Pedro do Sul, Viseu Fuga na Quinta do Engenho – Sever do Vouga, Aveiro Satsanga peeling para 2 – Vila Galé Coimbra, Coimbra Fuga no La Fontaine Hotel – Esmoriz, Ovar (Aveiro) Fuga na Estalagem Riabela – Torreira, Murtosa (Aveiro) Fuga na Vila Guiomar – Alvarenga, Arouca Massagem & Chá Costa Prata Htl & Spa Aventura em Aveiro a dois – Aveiro Fuga na Casa de Santa Catarina – Penha Garcia Fuga na Quinta das Pias – Pinhel, Guarda Fuga na Casa de Pedra – Almeida, Guarda Fuga na Vila Isaura – Pedrogão Grande. Leiria E mais de 300 experiências em todo o país entre passeios, massagens, noites a dois. Assine a Revista C e escolha a sua oferta.

+

e um Welcome Card IDEALCARE com 10% desconto Ao assinar a Revista C oferecemos ainda um Welcome Card Idealcare. O Welcome Card garante o acesso preferencial à rede de serviços de excelência IDEALMED onde poderá usufruir de 10% de desconto em todos os serviços, nomeadamente: · Consultas de Medicina Geral e Familiar (08h00 – 20h00) - marcação prévia 24 horas · Atendimento Médico Permanente (24h) · Consultas de Especialidade · Meios Complementares de Diagnóstico e Terapêutica · Internamento (sobre a diária de internamento) · Cirurgias (acto médico cirúrgico)

Contacte-nos já!

Envie email para comercial@cnoticias.net Temos todo o gosto em facilitar todas as informações necessárias.


1

Bonjour 105 cumprimenta os transeuntes, como um cavalheiro com o seu chapéu. Com um porte elegante, o candeeiro de pé alto joga com a luz de dois abat jours, criando um ambiente de iluminação especial e sedutor. CANDEEIRO Bonjour by nween

CASA & DECORAÇÃO

Iluminação Na Tralhão Design Center cada projeto é exclusivo e o mesmo acontece na sua casa. Cada divisão é um espaço diferente não só em termos de uso, mas também a nível de luz. Ao projetar a iluminação tem que ter em conta não só o fator luz natural e artificial, mas também adequar o tipo de iluminação e tonalidade ao efeito que pretende criar. Por exemplo, o uso de um candeeiro de luz direta e indireta na sala dará mais amplitude ao seu espaço. Também como nota as lâmpadas Led em locais de trabalho, são benéficas em termos de energia e como auxilio à concentração e produtividade.

Têxteis

2

dicas Tralhão Design Center...

Tralhão Design Center trabalha todos os projetos de modo que estes reflitam a sua personalidade e gosto. Cada caso é individualmente avaliado e estudado de maneira a proporcionar ambientes diferentes e de fácil adaptação, proporcionando assim uma maior longevidade ao seu projeto. We just love design www.tralhaodesigncenter.com

2

TAPETES Carpet Reloaded

Em todos os projetos, os detalhes e acabamentos devem ser cuidadosamente desenhados e manufaturados. Uma vasta gama de têxteis possibilita personalizar o seu espaço e reproduzir uma estética e linguagem de acordo com o seu gosto. Através de cores e padrões, o leque de aplicação de têxteis diverge desde paredes, cortinados, sofás, cadeiras e chão, encontrando assim várias soluções que lhe permitem tornar a sua casa num sítio único.

Carpet Reloaded reinterpreta tapetes orientais produzidos ao longo dos anos 1900 com novas técnicas de vanguarda. Apesar de a obra artesanal ser semelhante não há dois tapetes iguais, o resultado são peças únicas e originais.

CADEIRA Eames Plastic Armchair DREAM é uma coleção de camas de casal revestida na sua totalidade a tecido, mas com a particularidade de ter ao seu dispor uma variedade de designs e padrões que pode personalizar. As capas são completamente removíveis e de fácil adaptação, podendo mudar para combinar com a decoração do seu espaço e até mesmo com a roupa da cama.

MESA DE APOIO Stone

´Stone´ foi pensado e criado à semelhança de pedras preciosas. Este banco de geometria pura, linear e simétrica, tem uma forma que relembra uma ampulheta, no entanto a sua superfície é composta de cortes geométricos que criam um efeito de luz surpreendente semelhante à dos diamantes. A sua ergonomia e versatilidade permitem que seja usado como uma elegante mesa de apoio.

ALMOFADAS Tema & Variazioni by Fornasetti

87


CASA & DECORAÇÃO JARRA 34,99€ 20 cm

Design e elegância artesanais

A

IKEA apresenta Stockholm, a nova coleção da marca mundial de mobiliário e decoração. Inspirados na resistência e beleza das peças elaboradas artesanalmente, os designers da Ikea sintetizam, nesta coleção, visão de design, materiais de qualidade e peças de muito conforto e qualidade.

POLTRONA ENCOSTO ALTO 399€

MÓVEL TV 249€ 160x40cm

SOFÁ 3 LUGARES 799€ Röstånga cinzento

MESA DE CENTRO 179€

88

POLTRONA GIRATÓRIA 299€

Mesa em chapa de nogueira, uma madeira sólida e elegante que é sinónimo de resistência e durabilidade. A cor escurece e ganha dinamismo com o passar do tempo.

JULHO 2013


POLTRONA C/COSTAS ALTAS 89,99€ IKEA

de novo em voga

Vergas As peças em verga ou vime parecem sobreviver a todos as épocas e estilos de decoração. De todas as formas, cores e feitios, misturadas, na varanda, no terraço ou no interior, em poltronas ou candeeiros, as peças entrançadas são inspiração para designers e uma preferência sempre atual.

CADEIRÃO GO VINTAGE DESIGN PREÇO SOB CONSULTA

ESPREGUIÇADEIRA 219€ - AKI

CADEIRÃO EM VERGA 266€ COMPANHIA DO CAMPO

PUB


VIAJAR O maior Buda do jardim pesa cerca de setecentas e trinta toneladas.

Todas as estátuas foram esculpidas na China e trazidas para Portugal em "puzzle", sendo que as maiores foram divididas em peças de três mil quilos cada.

Valor da entrada é de 2,50€. os Até aos 12 an é a ad tr en a gratuita.

Buddha Eden Garden

Leve a máquina fotográfica, porque existem cenários lindíssimos para fotografar

Já se imaginou num local de meditação e de contemplação mesmo aqui ao lado? Temos a solução ideal para si. Liberte-se dos maus pensamentos e entre neste jardim oriental. Com mais de mil estátuas de arte budista, o Buddha Eden Garden foi idealizado e concebido por Joe Berardo, devido à sua paixão pela cultura oriental. Apesar de não ter qualquer tendência religiosa, o Buddha Eden Garden procura ser um espaço de reconciliação, num convite à união, comunicação e meditação, como forma de redescobrir a felicidade. Não deixe de visitar o buda dourado, o famoso exército de Terracotta, o lago, entre outras preciosidades daquele espaço. Percorra igualmente o 90

anfiteatro, que é inspirado nos espaços da Grécia Antiga e dos Romanos. Existe um comboio no qual poderá fazer uma visita guiada ou também pode optar por fazer a visita a pé. Até pode ser melhor, porque passa por caminhos aos quais de comboio não tem acesso e assim pode ver todos os recantos. Este é o lugar ideal para quem gosta de meditar ou precisa de um momento de paz para repor as energias, porque consegue transportar-nos para um outro plano onde a espiritualidade e a serenidade se encontram. Relaxe, respire fundo e entre num estado zen…

Com mais de mil estátuas, a ambição de Berardo é transformar este espaço no maior jardim asiático fora da Ásia.

+info • Horário de verão: 10h30 às 18h30 (os portões e o Snack Bar fecham às 19h00) • Horário de inverno: 09h30 às 17h30 (os portões e o Snack Bar fecham às 18h00) COMO CHEGAR? Utilizando a A8 saia na Saída 12 em direção a Carvalhal, siga os sinais para a BuddhaEden.  Fica aproximadamente a 1h30 de Coimbra ABRIL 2013 e Aveiro e 2h20 de Viseu.


VIAJARdestino por Vanessa Oliveira e David Portugal

ONDE OS SONHOS SE TORNAM REALIDADE Arranha-céus gigantes com formas diferentes e vanguardistas, mega shoppings com as melhores lojas, ótimos hotéis, praias lindas de areia branca e água do mar límpida e a ferver. No Dubai tudo é diferente e maravilhoso. Sinta-se parte deste mundo mágico de reis, princesas e sheiks.

S

ituado nos Emirados Árabes Unidos, o Dubai não era mais do que uma simples povoação entre o deserto e o Golfo Pérsico, há 50 anos atrás. O seu rápido desenvolvimento advém da descoberta de petróleo, em 1966. Hoje o Dubai é o principal ponto turístico do Médio Oriente, onde se destacam as ilhas artificiais Palm Jumeirah, entretanto terminada, Palm Jebel Ali e Palm Deira, em construção, de forma a adicionar 529 quilómetros de praia à costa do Dubai. Uma das atrações turísticas é o “The World” em forma do mapa do mundo, composto por 300 ilhas privadas pertencentes a personalidades como Brad Pitt, David Beckham, Rod Stewart e Michael Schumacher. Numa cidade que se encontra praticamente ao nível do mar, o horizonte é obstruído por uma floresta de arranha-céus e, frequentemente, com poeira proveniente

92

do deserto ali tão perto. O Dubai oferece facilidade para instalação de empresas como nenhum outro país no mundo oferece, atraindo investimento estrangeiro devido à isenção de impostos. Aqui encontra as maiores extravagâncias do mundo: visível a 90 quilómetros de distância, o Burj Khalifa ergue-se nos céus com 828 metros de altura, sendo o edifício mais alto do mundo. Ao seu lado encontra-se o Dubai Mall, um impressionante shopping com mais de 1200 lojas, também este o maior do mundo, e na mesma zona encontra-se a Dubai Fountain, (adivinhou!) também esta a maior do mundo! O Dubai é isto: Um oásis moderno com temperaturas de verão o ano inteiro e repleto de construções imponentes. Possui 2.3 milhões de habitantes, onde 85% são estrangeiros, a maioria indianos, paquistaneses, afegãos, filipinos, europeus e australianos. Com a sua paisagem

multicultural, a tolerância ao estilo de vida ocidental é superior a qualquer lugar do mundo árabe e, apesar do árabe ser a língua oficial, 90% da população fala inglês, por isso não terá dificuldades. Para além disso, o Dubai é orgulhosamente um dos sítios mais seguros do mundo. Na terra do luxo e arquitetura arrojada, tudo impressiona pela dimensão, beleza e extravagância, desde carros de luxo e mansões imponentes, hotéis de sete estrelas a shoppings que possuem pistas de esqui cobertas e um dos maiores aquários do mundo. Durante o dia, as praias de mar azul límpido e areia branca fazem as delícias dos turistas, onde o contraste cultural tem maior impacto. Aqui podemos ver mulheres cobertas até aos olhos com vários filhos aos ombros ao lado de turistas bronzeados em fato de banho. Durante a noite, o espetáculo de luzes nos prédios altos iluminam totalmente a cidade. JULHO 2013


FONTE DO DUBAI MALL Emite jatos de água a uma altura de 150 metros, equivalente ao de um edifício de 50 andares. Tem 275 metros de comprimento.

BURJ KHALIFA É o maior edificio do mundo, tem 163 andares e demorou 6 anos a construir.

BURJ AL ARAB Este hotel, o único 7 estrelos no mundo inteiro, ostenta arquitetura luxuosa.

PORTO MARÍTIMO Ponto de comércio mais importante do Médio Oriente

Dicas Para além deste lado exuberante, o Dubai mantém-se fiel aos costumes e tradições árabes. Isto é mais evidenciado na zona do Bur Dubai, junto ao Creek (enseada), que incluí um dos mais importantes portos marítimos do Médio Oriente, para além de mesquitas, comércio de rua e bazares, onde se pode comprar um pouco de tudo, tal como especiarias, imitações de marcas de renome, ouro entre outros, imperando o “poder de regatear”.

Para lá da cidade: Mesmo ali ao lado da cidade encontra-se o deserto, onde pode desfrutar da fantástica paisagem, assistir a um belíssimo pôr-do-sol, andar a camelo e fumar cachimbo de água, fazer tatuagens de henna, assistir a um show de dança do ventre, seguido de um jantar típico num acampamento árabe. Um programa digno das mil e uma noites… www.cnoticias.net

• Usar com meio de transporte o táxi, que é o mais cómodo e barato; • Não ir nos meses mais quentes, pois o calor é insuportável; • Ir para um hotel apenas com regime de alojamento, uma vez que comer na rua é extremamente barato e a oferta é diversa; • Ter atenção aos dias da semana em que determinadas praias são abertas só para mulheres e crianças; • Sendo um país islâmico, deve-se respeitar as regras de comportamento, evitando manifestações de afeto em público e tendo cuidado com a forma de vestir; • O Big Bus é uma ótima opção se pretende ficar a conhecer os principais pontos de interesse do Dubai.

PRAIA JUMEIRAH Situada na ilha das palmeiras, é das mais belas praias que o Dubai tem.

DESERTO Faça um safari pelas duna, seguido de um jantar num acampamento de beduínos. 93


VIAJARroteiro

Coisas baratas ou grátis para fazer nas praias da Costa de Prata Estar de férias na praia é sinónimo de bons dias passados no mar e a bronzear o corpo. A Costa de Prata é rica em praias e para além do areal há mais motivos de interesse. A C apresenta algumas sugestões para se entreter, a baixo custo, nas praias de mar da região.

Praia de Mira

Praia da Barra

Casa típica da Costa Nova

O que fazer?

Com o seu farol imponente, um dos mais altos da Europa, a Barra é uma das praias mais procuradas pelos • Passear pelas dunas • Andar de bicicleta pela veraneantes. É aqui que desagua a ria nova ciclovia de Aveiro. Também aqui se assiste à • Subir ao farol entrada e saída dos barcos de pesca, • Utilizar o novo parque ora escoltados pelas gaivotas, ora infantil acenados com lenços brancos. A • Fotografar as casas típicas da Costa Nova Barra é um local ideal para a prática • Comer uma "Tripa" (1€) do surf, windsurf, vela e pesca de mar. Durante o verão as festas e os bares dão um colorido diferente à noite, tornando-se esta numa das praias mais frequentadas da região. Tripa de Aveiro: uma delícia doce recheada de chocolate

A Praia de Mira, estende-se por um areal branco, onde sobressaem os toldos e as barraquinhas com tecidos de cores garridas. A procura pela Praia de Mira tem crescido ao longo dos anos: toda a área circundante caracteriza-se pela beleza não só do mar, mas também do pinhal, da lagoa e das dunas preservadas pela vegetação existente. A oferta do comércio de rua contrasta com a tranquilidade da lagoa, a cerca de duzentos metros, onde pode fazer agradáveis passeios de gaivota.

Museu Etnográfico: uma homenagem às gentes do mar

O que fazer?

94

• Passear pelas dunas • Correr nas matas e junto à barrinha • Ajudar os pescadores a puxar as redes • Identificar as aves e outros animais na barrinha • Visitar o museu etnográfico

A Barrinha, na Praia de Mira, é um enorme lençol de água doce que atrai muitas aves, peixes e animais. 2013


Figueira da Foz

A Praia da Figueira da Foz é sobejamente conhecida, sobretudo pelo seu extenso areal. Ao percorrer longos passadiços de madeira, encontra um mar igualmente a perder de vista. Apoios de praia que servem os veraneantes, são muitos, dos quais as típicas barraquinhas de lona, são imagem de marca. Mas para além de poder fazer longas caminhadas até à beira de água, pode exercitar o corpo ao caminhar também na marginal, que se encontra preparada para isso mesmo.

O que fazer? • Correr pela marginal • Conhecer novas pessoas e jogar basquetebol nos campos do areal • Visitar os mercadinhos junto a Buarcos (olhar não custa dinheiro) • Descobrir amonites na Serra da Boa viagem

S. Pedro de Moel

É uma das mais pitorescas praias da costa portuguesa, abrigada numa concha de casario e com excelente localização numa aberta do Pinhal de Leiria, um pouco ao sul da foz da ribeira de Moel. A praia é pequena, limitada pelo norte por rochas abruptas, e ao sul por um pequeno ribeiro. Não tem boas condições para a prática de desportos náuticos, pois o mar é geralmente agitado. Camarinhas: uma baga saborosa e comestível. Não as apanhe. A espécie está protegida. Aprenda como as plantar e contribua para a sua propagação.

Nazaré

O que fazer? • Passar o dia na bola Nívea • Encontrar uma nazarena com sete saias • Passear no Picadeiro • Ir de elevador até ao Sítio e procurar nas rochas as marcas do cavalo de D. Fuas Roupinho. • Visitar a capela dos pescadores, com o seu interior único em tons cor de rosa.

Amonites A Serra da Boa Viagem contém inúmeros vestígios de animais pré-históricos

O enorme areal da Praia da Claridade tem diversos campos de jogos coletivos!

Sargos e outros peixes, bem como lapas, mexilhões e camarão podem ser apanhados diretamente do mar

O que fazer? • BTT no Pinhal de Leiria • Ver o Penedo da Saudade. • Ir ao domingo à praça ver o movimento da feira. • Encontrar camarinhas na mata (umas bagas muito apreciadas). • Dedique-se à pesca: esta zona é especialmente rica em sargo, robalo, safio e dourada.

A Praia da Nazaré tem um areal imenso, onde podemos encontrar veraneantes, mas onde há também uma presença muito forte de gentes do mar. Para além da possibilidade de ver como é a arte de coser as redes ou preparar o engodo, podemos ainda ver sobre estacas os "paneiros" utilizados para secar o peixe. PUB

A "Bola Nívea" é um clássico de verão e, por norma, ponto de encontro de veraneantes www.cnoticias.net

ROTEIRO É PATROCINADO POR


VIAJARlast minute

COSTA VALENCIANA

Praia de Gandia Visitada, todos os anos, por milhares de europeus, que aqui chegam atraídos pelo seu excelente clima mediterrânico, Gandia oferece praias lindas!

As praias da Costa Valenciana são elementos de vital importância. A partir dos anos 90, Gandia reorganizou-se como uma cidade nova que tem nas suas praias a sua galinha dos ovos de ouro, para além de ser um elemento que chega a determinar a situação e orientação do espaço urbano da cidade, constituindo assim uma experiência praticamente única na história do urbanismo mundial. Nesta linha, as praias impulsionaram o progresso de uma cidade, ao ritmo das suas necessidades. Este é o destino escolhido pela Coimbratur para mais uma das suas viagens exclusivas. Com partida no dia 7 de setembro, a via-

gem será feita em regime exclusivo com autocarro de turismo superior, vídeo e ar condicionado tendo acompanhamento personalizado por parte da Coimbratur. O alojamento será no Gandia Palace Hotel em Gandia, um quatro estrelas que, com a sua elevada qualidade em conforto e os serviços múltiplos que oferece, são garantia de uma estadia única e inesquecível. A decoração luminosa e vanguardista do hall de entrada deixam perceber, desde o primeiro contacto, que se encontra no local privilegiado, com umas vistas únicas e espetaculares das praias e do Mar Mediterrâneo.

desde 2.050€

desde 999€

Pela ilha do gelo e do fogo

Cruzeiro de Lisboa a Miami

Para viagens em maio e outubro, a Nordictur compôs um magnífico programa de nove dias (avião e transporte local - carro ou jipe) pelas belíssimas paisagens geladas da Islândia. www.nordictur.pt

O preço inclui: Cruzeiro no “Vision of the Seas”(conforme itinerário); transfer cruzeiro/hotel em Miami; estadia de 1 noite em Miami em hotel de 4 estrelas; Transfer hotel-aeroporto e voo direto Miami-Lisboa com a companhia TAP. www.halcon.pt

PUB

LAST MINUTE É PATROCINADO POR

7 a 15 de setembro 2013 LUXO E PRAIA REGIME PENSÃO COMPLETA Inclui: • Transporte em autocarro de turismo superior com vídeo e ar condicionado • 7 noites no regime de Pensão Completa (bebidas incluídas) • Seguro de Viagem base • Acompanhamento personalizado Coimbratur • Preço por pessoa em quarto triplo: 310€ • Preço por pessoa em quarto duplo: 295€ • Preço Criança: 50% desconto • A Coimbratur oferece um voucher no valor de 25€ a todos os inscritos com reservas feitas online.

JULHO 2013


VIAJARinstantâneo

MAIS VALE UM PÁSSARO NA MÃO... PEDRO CALDEIRA FOTÓGRAFO SOLITÁRIO Creio que de um modo geral associamos uma grande viagem - daquelas que deixam marcas, que acrescentam algo ao nosso manancial de experiências e contribuem para a nossa compreensão do mundo - a longas horas num transporte em direção a um lugar distante. Contudo a poucas centenas de metros de qualquer um de nós pode existir uma www.cnoticias.net

realidade paralela à nossa, tão diferente e marcante como no outro lado do planeta. Este local é um recanto qualquer ao virar de uma esquina, numa ruína próxima de si e para nela penetrar, bastará apenas transpor um vão sem porta e alguma tendência para uma experiência do género "Alice nos País das Maravilhas" sendo que, neste caso, o país não é das maravilhas e a rainha não é de copas, pois quem aqui reina é branca de neve e seus derivados. Normalmente temos tendência para desviar o olhar das coisas desagradáveis, ignorar a realidade dura e feia e prosseguirmos como se esta não existisse. Contudo, não será por não a encararmos que ela deixará de existir. Neste caso alguém que, mesmo estando no mais baixo que a sociedade humana tem, tentou criar alguma ordem e as regras possíveis, pelos vistos com algum

sucesso, pois os utentes parecem acatar as sugestões como que numa tentativa de se manterem à tona nas águas revoltas em que navegam. Flagrante contraste em relação aos que pretensamente têm o quotidiano nas suas mãos e constantemente dão o seu contributo para o caos das nossas sociedades. Ouço o som de passos que se arrastam e tropeçam no entulho da entrada. Não posso deixar de pensar que sou um estranho aqui e que muito provavelmente não serei visto com bons olhos pelos que chegam. Além disso o material que utilizo será muito apreciado para ajudar a financiar as necessidades do seu dia-a-dia, mesmo que contra minha vontade. Resolvo não ficar aqui nem mais um segundo, salto a janela à minha esquerda e desapareço sem saberem que houve um intruso no seu mundo de regras... 97


IDEIAS DOS OUTROS#089

MESTRES DA ILUSÃO

LUÍS DE MATOS

A

ssim se chama, em Portugal, o mais recente filme de Louis Leterrier, originalmente titulado com o nome “Now You See Me”. Depois de êxitos recentes como “O Incrível Hulk” ou “Confronto de Titans”, o jovem realizador francês retoma o tema da magia na sétima arte. Um tema que ciclicamente vem sendo revisitado mas que poucos associam à génese da própria arte cinematográfica. Regra geral, somos tentados a associar o nascimento do espetáculo cinematográfico aos irmãos Auguste and Louis Lumière. Contudo, os cinéfilos mais ilustrados sabem que o cinema foi inventado por um empreendedor mágico chamado Georges Méliès. De seu nome Marie Georges Jean Méliès, verdadeiro pai do cinema, seu primeiro e mais prolífico inovador técnico, foi quem descobriu as possibilidades do meio para a narrativa e espetáculo. Criou o vocabulário básico de efeitos especiais e construiu o primeiro estúdio que, na prática, viria a ser o protótipo dos que hoje conhecemos. O sucesso dos seus filmes contribuiu para o desenvolvimento de um mercado internacional e garantiu a ascensão do cinema francês nos seus primeiros anos. Ao ver a reportagem da “Saída da Fábrica” dos irmãos Lumiere, Méliès rapidamente imaginou e levou à tela criações artísticas integrais, coerentes, repletas fantasia, história e absurdo, numa exuberância que ainda hoje vemos no cinema contemporâneo. Mestres da Ilusão, atualmente nos cinemas, não se trata de “mais uma” sequela mas sim de uma história original com um enredo que nos prende até ao final, em que um misterioso líder junta uma equipa de mágicos contemporâneos numa missão que muitos gostávamos

de ver cumprida. Num misto de suave thriller e filme de ação, com humor e espetáculo, os quatro mágicos juntam-se para uma mega e espetacular operação de vingança e justiça. Um esquadrão de elite do FBI num jogo de gato e rato contra "Os 4 Cavaleiros", uma super-equipa composta por 4 dos maiores mágicos do mundo. “Os 4 Cavaleiros” realizam uma serie de assaltos públicos, e espetaculares, onde as vítimas são os líderes de empresas corruptas. O produto dos seus roubos é recorrentemente distribuído pelos seus espetadores. Se a história fosse real, e acontecesse em Portugal, seria evidente que os heróis da tela iriam assombrar os responsáveis pelo escândalo do BPN. Na prática, o único banco em Portugal que não foi fundado por banqueiros mas sim por políticos. Uma história que, infelizmente, nada tem de ficção apesar do enredo riquíssimo. “Mestres da Ilusão” conta com um elenco de luxo e, salvo opiniões dos suspeitos críticos do costume, vale a pena ver e sonhar que tamanha justiça seria possível de concretizar…

LUÍS DE MATOS, MÁGICO, ASSINA MENSALMENTE ESTE ESPAÇO DE PARTILHA E OPINIÃO

98

“Que bom seria se os 4 Cavaleiros visitassem Portugal…”

Com a ajuda de um leitor de QR Code (a imagem pontilhada impressa nesta página) utilize o seu telemóvel ou webcam para descobrir o caminho apontado por Luís de Matos

JULHO 2013


Edição de Julho  

Edição de Julho da Revista C. Tony Carreira, Doulas, insectos comestíveis, praias low cost, Zumba e muito mais!

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you