__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

Arnold Classic Brasil: o que aconteceu durante o maior evento multiesportivo

Conteúdo que acompanha o seu ritmo Ano 5 | Número 30 | 2014 ISSN 2238-7943

na academia:

o método de treinos do José Aldo, campeão do UFC brasil 2014:

como estão os aeroportos que receberão os turistas durante a Copa?

Preço sugerido: R$15,00 ESPECIAL COPA DO MUNDO FIFA 2014

Cross

Runner Conheça o treinamento funcional do corredor

Schurmann’s

segredos, rotas e histórias da família de navegadores brasileiros

Entenda os tipos de anemia, porque ela aparece e aprenda a se prevenir, comendo bem “Agora tenho apoio de todos brasileiros e com certeza vou chegar com forca máxima”


A R U C O ! R P R O O S H S L E E C M U S O E M R E T P M M E E S U Q

ZMA Way: Não contém Glúten; Colorido artificialmente | Vit Glaft Platinum: Não contém Glúten; Colorido artificialmente | Creatine Way: Não contém Glúten; Este produto fornece 3g de creatina | Hydroxy 6: Não contém Glúten; Este produto não substitui uma alimentação balanceada | BCAA 8.1.1 Max: Não contém Glúten; Colorido artificialmente

2

www.revistaendorfina.com.br


A S U N I E D A M , Y A W D I M

ING ), R CTU TION O A F NU ISTRA TÓRI A M IN ORA D M O GO G AD LAB VISA. ( MP DRU POR A AN G EM D AND IDOS AS D S DA (FOO EMIT ORM A G LO FDA SES E ÀS N O OM PELO NÁLI END H TAS GIDOS DE A UE AT N A PL DE EXI DOS UÊS Q M U G E A UA ALID M LA ORTU E U S P NO S DE Q , CO LÊS/ A D E EM G IR CA TROL ORIG EM IN FAB S CON DE AGEM O L S® O AB RÍGID IFICAD ROTU L AY B OS ERT NO E W D I ), SO M C ICA M S O ER A IL NH CTICE DA C O AM D A PR PORTA ALIZA IM PECI ES

A I C Á C I EF

. A C FI Í T IC EN O Ã Ç A V O R P M O C E

Conheça a linha completa Midway Labs® “Made In USA” no site: www.midwaylabs.com.br MIDWAY LABS GROUP Manufacturing plant in Miami / FL - USA À venda na Netshoes ou nas melhores Lojas.

www.revistaendorfina.com.br

3


[ Ano4 | NĂşmero30 ] 2014

4

www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

5


6

www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

7


8

www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

9


Receba a Endorfina em sua casa

3 anos por apenas R$

165,00

Você terá o conteúdo que acompanha o seu ritmo. Acesse: www.revistaendorfina.com.br e preencha o formulário

É tempo de comemorar

E torcer! O

impor tadora e distribuidora de suplementos alimentares

XTREMENUTRITION.COM.BR

mês de junho de 2014 representa muito para nós da Revista Endorfina. São cinco anos de histórias e informação. Cinco anos promovendo o desenvolvimento do mercado fitness e esportivo, levando conteúdo pertinente e incentivando a prática esportiva pelo Brasil. Isso é só mais um motivo para continuarmos trabalhando, em busca de mais evolução. Além desta comemoração, nos aproximamos da realização da Copa do Mundo. Nesta edição especial trazemos uma capa forte, em todos os sentidos. Ilustramos Givanildo Vieira de Sousa, o Hulk, atacante da seleção Brasileira, trazendo uma entrevista em que fala de suas expectativas. Com sua força e técnica espera ajudar muito o Brasil em busca do hexacampeonato mundial em terras brasileiras. Terras estas que receberão milhares de turistas. Por isso checamos as condições dos principais aeroportos. Viajando de lá pra cá, pegamos carona nos maiores eventos fitness que aconteceram nos últimos meses. Acompanha-

Nesta edição especial trazemos uma capa forte, em todos os sentidos. Ilustramos Givanildo Vieira de Sousa, o Hulk, atacante da seleção Brasileira mos o esperado Arnold Classic Brasil e trouxemos as novidades em suplementos e as competições que movimentaram o maior evento multiesportivo do mundo, além de matérias exclusivas, conteúdo que só os mais endorfinados possuem.

Equipe Endorfina

DESDE 2003

Av. Indianópolis, 3293 São Paulo, SP 10 11 5581-4939 / 7860-9601

www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

11


expediente Ano 5 | Número 30 | 2014 - Hulk

Arnold ClAssiC BrAsil: o que AConteCeu durAnte o mAior evento multiesportivo

EXPEDIENTE Diretor Executivo e Publisher: Michel Kaminski Diretora Administrativa: Caroline C. Kaminski Gestor Comercial: Luis Nascimento Coordenador Executivo: Felipe Corso Consultor Comercial: Marlos Mattos Consultor Comercial: Henrique Pires

Conteúdo que acompanha o seu ritmo Ano 5 | Número 30 | 2014 ISSN 2238-7943

na academia:

o método de treinos do José aldo, campeão do uFc

EDITORIAL

Projeto Gráfico e Diagramação: Vitor Gomes www.estudiolia.com.br

CAPA Hulk Foto: Rafael Ribeiro

CONSELHO EDITORIAL Walter Feldman Diogo Patroni Eder Brito Alexandre Machado

ENDORFINA Rua Dos Lírios, 83 – Mirandópolis São Paulo – SP – CEP: 04047-040 Tel: 3227-9555 ou 3228-8696 www.revistaendorfina.com.br

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Disponível para smartphones e tablets nas plataformas Android e IOS

ESPECIAL COPA DO MUNDO FIFA 2014

cross Cross

brasil 2014:

Diretor de Redação: Márcio Mecca Colaboradores: Adriane Schultz, Crys Bassi, Diogo Patroni, Alexandre Machado, Felipe Araújo, Juliana Salles, Márcio Mecca, Paulo Gervino, Vanessa Barcellini, Vanessa Dini

ARTE E FOTOGRAFIA

Preço sugerido: R$15,00

como estão os aeroportos que receberão os turistas durante a copa?

runner RunneR conheça o treinamento funcional do corredor

sChurmAnn’s

segredos, rotas e histórias da Família de navegadores brasileiros

Fale conosco

Paraossugestões, entenda tipos de anemia, porque ela aparece e aprenda a se prevenir, comendo bem

críticas ou elogios:

redacao@revistaendorfina.com.br

AGRADECEMOS AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE E EDUCAÇÃO FÍSICA QUE NOS AJUDARAM NESTA EDIÇÃO: A equipe de jornalismo da Revista Endorfina agradece a todos os profissionais das diversas áreas de conhecimento que nos ajudam a construir o conteúdo desta publicação. Enfatizamos que as declarações emitidas por entrevistados e os artigos assinados não representam necessariamente a opinião da Revista.

acesse:

www.revistaendorfina.com.br

o portal referência no segmento Fitness e wellness CURTA A REVISTA ENDORFINA NO

FACEBOOK, NOS SIGA NO

TWITTER

“agora tenho apoio de todos brasileiros e com certeza vou chegar com forca máxima”

A Revista Endorfina é uma publicação especial e bimestral da Kaminski Editora e Publicidade. Distribuição e comercialização em academias, clínicas de nutrição e fisiologia, clínicas de fisioterapia e de pilates, clubes esportivos, hotéis e spas, condomínios e flats com academias, universidades, escolas, cursos técnicos, associações e eventos esportivos, estabelecimentos comerciais direcionados ao segmento esportivo, lojas de suplementos e de produtos naturais, lojas de equipamentos, roupas e acessórios fitness, federações e confederações esportivas, principais construtoras e administradoras do setor imobiliário. Praça: Nacional. A redação da Endorfina não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados ou por qualquer conteúdo publicitário e comercial, sendo este último de inteira responsabilidade dos anunciantes.


www.revistaendorfina.com.br

13


índice

nutrição

18

Sem preguiça! Saiba tudo sobre a anemia e seus diferentes tipos

capa As expectativas da Copa, do atacante Hulk, da seleção brasileira

suplementos

22 Entrevista: André Brasil, um dos maiores nomes da natação atual

34 Os resultados do Brasil no Campeonato Sul-Americano

Duas Rodas Sonho de menino que virou realidade. Uma conversa com Drac, do BMX

82

[ Ano4 | Número30 ] 2014

A situação dos aeroportos que irão receber os turistas durante a Copa do Mundo

aquáticos Os segredos e a nova rota da Família Schurmann

88 nocaute

110

68 brasil 2014

Brasil Olímpico:

76

As novidades do mercado durante a Arnold Classic Brasil

O casal do Jiu-Jitsu abre as portas da academia que inauguraram

94 Pilates & Funcional:

116

As diferentes vertentes do Pilates

Curtas 16 | acontece fitness 30 | capa 34 | espelho fit 32 | Espaço treino 44 | espaço saúde 46 | Espaço welness 48 | espaço gestão 50 | ases da corrida 52 | equipamentos e acessórios 56 | especial 62 | adrenalina 102 | arnold 122 | treino 130 na academia 136 | endorfina em ação 142 | fitness shop 144 | comportamento 146 www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

15


Curtas

CURTAS PROJETO BIKE TOUR CONVIDA VIAJANTES A CONHECER BRASÍLIA

Sports Weekend reuniu ídolos do esporte e entretenimento

Uma nova opção de lazer e turismo é oferecida para os hóspedes do Clarion Hotel Jade Brasília e do Comfort Suites Brasília. É o projeto Brasília Bike Tour, que oferece passeios guiados de bicicleta, aos domingos e feriados, que tem como objetivo visitar os principais pontos turísticos da cidade do poder, estimulando a prática de atividade física durante a viagem. É o turismo aliado ao bem-estar! O projeto dispõe de três trajetos, com uma média de 10 km cada, que passam por importantes monumentos locais, como a Catedral de Brasília, os Ministérios, o Congresso Nacional, Panteão da Pátria e o Palácio do Itamaraty. Para os interessados, são disponibilizados bicicletas particulares, capacete, água e acompanhamento de um guia especializado. O passeio pode ser reservado pelo site www.brasiliaamigadabike.com.br. Maiores informações e reservas no www.atlanticahotels.com.br

Quem foi ao Club Med Itaparica de 30 de abril a 4 de maio jamais esquecerá os momentos que passou no Village com o Sports Weekend. O evento, organizado em parceria com a MVP Sports, levou muito esporte, lazer, entretenimento, humor e interação entre hóspedes, organizadores e grandes nomes convidados para esta terceira edição. Inspiração para a prática de esportes não faltou durante o evento, que recebeu nomes de peso e ídolos como Belletti, Fábio Luciano, Juninho Paulista, Caio Ribeiro e Washington (Futebol), Paula Pequeno (Vôlei), Franco (Vôlei de Praia), além de Marco Luque, humorista e apresentador de TV, e outros. Um dos diferenciais do evento foi a participação de todos nas práticas esportivas: convidados e seus familiares, hóspedes e organizadores puderam desfrutar e trocar experiências nas modalidades. Além do treinamento funcional, ioga, futevôlei, vôlei de praia e futebol, os presentes também aproveitaram a estrutura do Village para jogar tênis, pólo aquático e várias outras modalidades.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Midway Labs inaugura Centro de Condicionamento Físico para atletas profissionais

16

A Midway International Labs, inaugurou seu Centro de Condicionamento Físico, o Midway Physio Institute, em São Paulo. Toda a estrutura e equipamentos para condicionamento físico são voltados para programas de treinamento individualizados e específicos, inclusive com tecnologia ainda inédita na América do Sul. O projeto oferece acompanhamento de renomados especialistas, equipamentos de última geração e um trabalho personalizado em suplementação. Comandado por Dr. Turíbio Leite, Dra. Gerseli Angeli, Dr. Dirceu Raposo, o local terá um centro avançado de pesquisa para atender atletas Midway com o intuito de potencializar seus resultados e agilizar processos de reabilitação. Um dos beneficiados com o projeto, o ídolo do MMA Rodrigo Minotauro elogiou a iniciativa da empresa. ”Vai ajudar muito a vida de todos os atletas. Vamos ter ainda mais condições de render o nosso máximo nas competições, além de minimizar também os riscos de lesões”.

www.revistaendorfina.com.br


Ilustrações gigantes mostram a história de grandes seleções do futebol Na exposição “Futebol Ilustrado”, o torcedor poderá conhecer a história das grandes seleções através de ilustrações das camisas usadas pelos times que venceram o campeonato mundial ao longo dos anos. O ilustrador Maurício Rito, designer e especialista em projetar réplicas de uniformes do futebol mundial, traz para os amantes do futebol uma parte do seu acervo, que constrói uma linha do tempo e conta como foi a participação de cada país no campeonato mais importante do mundo. A mostra proporciona uma viagem pelo universo do futebol e leva, de forma descontraída, informações, detalhes e curiosidades sobre o “esporte bretão”. Os clientes do Shopping SP Market poderão visitar a exposição gratuitamente, no Atrium do Shopping, de 31 de maio e 30 de junho. Horário: de segunda a sábado, das 10h às 22h, e domingo, das 14h às 20h.

CrossFit brasileiro alcança resultado histórico no exterior Às vésperas da Copa do Mundo de futebol, o Brasil fincou seu nome como uma potência ascendente em mais um esporte: o CrossFit. Com patrocínio da Integralmédica, Antonelli Nicole, Francisco Javier, o Chiquinho, e Tárcio Santos colocaram o país entre os 15 primeiros colocados da modalidade na América Latina, no Regionals CrossFit Games, que aconteceu entre 9 e 11 de maio, no Chile . A seletiva continental garante, aos campeões e a melhor equipe, vaga para o CrossFit Games, o Campeonato Mundial. No entanto, os brasileiros obtiveram suas melhores colocações na história do esporte, podendo ter novas perspectivas. “O trabalho deve continuar. Falaram comigo na arquibancada: ‘seu resultado não importa, você fez com que todos os brasileiros sentissem que era possível’ e digo a todos que continuem treinando duro, ajudando um ao outro”, avalia Chiquinho, líder do ranking nacional.

Novo conceito em atividade física Com conceito inovador, a academia Iron Box chega ao mercado fitness com o que há de mais moderno em atividade física aliado à sofisticação e conforto. Em um espaço de 700 m² na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e investimento de mais de R$2 milhões, conta com um time de profissionais altamente qualificados e equipamentos de última geração. Os alunos ainda dispõe de um sofisticado lounge de frente para o mar, lanchonete, loja de roupas e suplementos esportivos, rouparia, aluguel de toalha e empréstimo de mobiliário de praia. Na seleção de atividades oferecidas é possível destacar o CrossFit, em alta no momento, com toda estrutura segura para a prática, aulas de luta com ex-campeão do UFC Murilo Bustamante, treinamento funcional outdoor, e claro, musculação. Os 30 metros que distanciam a Iron Box da areia da favoreceram práticas como stand up, vôlei de praia, beach tênis e futevôlei.

Erramos: A Revista Endorfina informa que houve um erro de créditos autorais, na matéria “Barba sim!”, inserida na seção Espelho Fit, na página 28 da última edição, número 29. A matéria em questão, que fala da tendência atual de os homens manterem a barba, foi produzida por Mariana Souza, e não por Fernanda Dias, conforme consta assinada, erroneamente na edição mencionada.

www.revistaendorfina.com.br

17


saúde e nutrição

Sem preguiça! Por Adriane Schultz

Saiba tudo sobre a anemia, condição que deixa qualquer um indisposto, sem ânimo, sonolento e com a maior dificuldade de concentração. Descubra suas causas e recupere de uma vez todas as suas energias!

F

alta de disposição no trabalho, sono excessivo, fraqueza, palidez, dificuldade de concentração e perda do rendimento físico no esporte. Esses são alguns sintomas de quem está com anemia ferropriva, causada pela falta de ferro no organismo. “A anemia ocorre quando a concentração de hemoglobina, que transporta o oxigênio dos pulmões para as células do cor-

po, se encontra abaixo do normal”, explica a nutricionista Márcia Loureiro, da Life Clínica. Este valor, segundo a Organização Mundial de Saúde, deve ser de no mínimo 11 g/L para mulheres grávidas e crianças de 6 meses a 5 anos de idade, 12 g/L para as mulheres não grávidas e até 13 g/L para os homens. Mas nem sempre a única causa é a falta de ferro na alimentação. Doenças,

infecções e ingestão de determinados medicamentos podem causar a anemia. “A maioria da população pensa em anemia como deficiência de ferro, porém a falta de algumas vitaminas do complexo B, por exemplo, pode ser a causa da diminuição de hemoglobina”, diz a nutricionista Paula Castilho, da Sabor Integral Consultoria de Nutrição. Mulheres com alto fluxo de menstruação, grávidas ou pessoas que tenham alguma doença com sangramento também podem ser vítimas. “Algumas pessoas têm que ficar mais atentas à possibilidade de desenvolver anemia. Entre elas, estão as mulheres com fluxo menstrual intenso, assim como quem tem úlcera, gastrite ou crises de hemorroida. Essas pessoas sofrem com sangramento crônico contínuo ou repetido e acabam perdendo mais ferro do que a alimentação pode repor”, diz a nutricionista Márcia Loureiro. Além disso, nem todas as pessoas que têm anemia apresentam sintomas. Por isso, o ideal é fazer um exame de sangue para medir o nível de hemoglobina pelo menos uma vez por ano. A anemia também pode prejudicar muito a performance de um atleta. Com mais sono e indisposto, o esportista tem queda no seu desempenho e, muitas vezes, nem imagina que a causa desses sintomas pode ser a anemia. “Atletas devem ter um acompanhamento médico frequente para não serem prejudicados no seu rendimento. Com o tratamento adequado, ele pode recuperar seu desempenho em poucos meses”, diz o Marcello Augusto, hematologista do Hospital São Luiz.

Tipos de anemia

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Nem toda anemia é causada por baixo nível de ferro. Saiba quais são os tipos de anemia para descobrir a melhor forma de tratá-la. Anemia Ferropriva: É causada pela baixo consumo de alimentos ricos em ferro ou por hemorragias e é identificada em um simples hemograma. O tratamento consiste na boa alimentação e na suplementação de ferro. É o tipo

18

www.revistaendorfina.com.br


de anemia mais comum. Anemia Perniciosa: A anemia perniciosa é causada pela deficiência de vitamina B12 no organismo e gera, além dos sintomas típicos da anemia, neuropatia e diminuição da concentração de ácido gástrico no estômago. O tratamento é feito com o uso de injeções de vitamina B12 e suplementação de ácido fólico por toda a vida. Anemia Aplástica: É uma doença autoimune em que a medula óssea diminui a produção de células sanguíneas. O tratamento é feito com transplante de medula óssea e transfusão de sangue. Anemia Hemolítica: Este tipo de anemia produz anticorpos que destroem as células sanguíneas. Ela é mais comum em mulheres do que em homens e gera sintomas como palidez, tontura, marcas roxas na pele, pele e olhos secos, e outros. Anemia de Fanconi: De origem genética, caracteriza-se por apresentar sintomas como anomalias nos dedos e na face, comprometimento renal e baixa estatura. É uma doença rara causada por uma deficiência na medula óssea que impede a produção de células sanguíneas normais.

Quando não se ingere a quantidade adequada de folatos, a síntese do DNA e, consequentemente dos glóbulos vermelhos, é danificada

De olho na alimentação! Espante a anemia! A nutricionista Márcia Loureiro elenca quais nutrientes não podem faltar no seu cardápio diário. Ferro Esse é o nutriente mais importante quando o assunto é combater a anemia ferropriva. Isso porque a sua deficiência promove uma má formação da hemoglobina e dos glóbulos vermelhos. Na anemia ferropriva, há redução da quantidade total de ferro corporal e, dessa forma, o fornecimento de ferro para o pleno funcionamento dos glóbulos vermelhos é insuficiente. Ferro heme: é melhor absorvido pelo organismo. Exemplos: carne vermelha, fígado, aves e peixes. Ferro não heme: absorvido em menor quantidade. Exemplos: verduras de folhas escuras e leguminosas.

Vitamina A A deficiência dessa vitamina dificulta o transporte do ferro armazenado no fígado para o sangue, causando danos na formação dos glóbulos vermelhos. As principais fontes de vitamina A são alimentos alaranjados ou verde escuros. Ácido fólico Os folatos são substâncias que participam diretamente da formação do DNA. Quando não se ingere a quantidade adequada de folatos, a síntese do DNA e, consequentemente dos glóbulos vermelhos, é danificada. Isso diminui a concentração de células sanguíneas, prejudicando o transporte de oxigênio e causando o que é chamado de anemia megaloblástica, que não ocorre pela dificuldade de transporte do oxigênio pelo sangue. Folhas verde-escuras, fígado, ovos e gérmen de trigo são alimentos fonte de ácido fólico.

Vitamina B12 Esse nutriente atua juntamente com os folatos. A deficiência de vitamina B12 causa danos ao metabolismo do folato e o resultado é que a produção de glóbulos vermelhos e o transporte de oxigênio ficam prejudicados. Pelo fato de esse nutriente ser mais amplamente encontrado em vísceras, carnes, ovos, leite e derivados, a anemia megaloblástica é muito comum em veganos e vegetarianos. Nesses casos, a suplementação é necessária. Vitamina C O que a vitamina C faz é auxiliar a absorção e mobilização do ferro armazenado. Um exemplo dessa ação é quando comemos alguma fonte de ferro não heme acompanhada de alimentos ricos em vitamina C. Nesse caso, aumenta a absorção. Alimentos fontes de vitamina C são frutas e verduras em geral.

19


saúde e nutrição

Evite! Alimentos amargos para absorver os nutrientes

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Alimentos de gosto amargo, como jiló, agrião, chicória, almeirão e alcachofra têm o poder de estimular a secreção de enzimas digestivas. Isso facilita a absorção do ferro, do ácido fólico e das vitaminas do complexo B, contribuindo, assim, para o não aparecimento ou combate da anemia. Cobre e zinco A deficiência de cobre no organismo interfere na formação da hemoglobina, o que pode levar a uma anemia. Já o zinco, presente em farelo de aveia, feijão, leite e arroz integrais e peito de frango, quando ingerido em excesso, pode impedir a absorção do cobre, causando os mesmos efeitos da deficiência. Alimentos fontes de cobre são ostras, lulas, siris, amendoim, nozes, amêndoas, sementes de girassol, passas, feijão, grãos-de-bico e lentilhas.

Cálcio Durante o tratamento da anemia, o ideal é evitar o consumo excessivo de leite, queijo, iogurte, entre outras fontes de cálcio na mesma refeição rica em ferro. Isso porque ingerir cerca de 300mg (a recomendação diária é de 1000mg) de cálcio acompanhado de uma fonte de ferro não heme pode diminuir a absorção do nutriente em 50 a 60%.

20

www.revistaendorfina.com.br

Fibras, taninos e fitatos O consumo em maior quantidade de fibras pode diminuir a absorção do ferro. Já os taninos e fitatos são compostos químicos que se combinam ao ferro, tornando-o insolúvel, impedindo sua absorção. Evite o consumo excessivo de fibras como pães e massas integrais, café, chá preto ou chá mate na mesma refeição rica em ferro.


AVALIAÇÃO FÍSICA E PRESCRIÇÃO SOFTWARE

ESTADIÔMETRO PHYSICAL

de liderança e mais de 25 mil clientes no mundo.

Imagens meramente ilustrativas

Que o Physical Test há 20 anos é o mais vendido e querido no Brasil todos já sabem. Agora venha conhecer as novidades da nova versão 8 e participe de sorteios em: www.terrazul.com.br

ADIPÔMETRO PRIME NeO II

KITS DE AvALIAçãO FÍSICA

BANCO DE WELLS PHYSICAL PORTÁTIL

www.terrazul.com.br/loja (11) 3542-4588 3542-4533 3272-9305 www.revistaendorfina.com.br

21


suplementos

Suplementação

acessível para todos O perfil das novidades em suplementação alimentar cada vez mais está disponível à todos, atletas ou não Por Márcio Mecca

Fotos – Paulo Gervino

E

[ Ano4 | Número30 ] 2014

ntre os dias 25 e 27 de maio, no Rio Centro, mais de 70 mil pessoas conheceram de perto a Arnol Classic Brasil, evento multiesportivo, que, além de diversas modalidades, contou com palestras sobre o tema, estandes de vestuário, equipamentos e, principalmente, suplementos alimentares. Só destes últimos, mais de 30 estandes se apresentaram, dispostos a oferecer uma gama imensa de produtos, dos mais variados tipos, ao público que cada vez mais conhece sobre suplementação e nutrição alimentar. O perfil dos visitantes, em sua maioria, é da academia, do fitness, do fisiculturis-

22

Midway Labs Com estande simples e agradável, ação fotográfica com modelos e premiando os visitantes com produtos, a Midway Labs trouxe algumas novidades. De acordo com Júlio Colle, diretor comercial da

mo, mas acima de tudo, do bem-estar. A tendência observada durante o Arnold Classic Brasil foi a praticidade de consumo de certos produtos, além, é claro, da funcionalidade e universalização de seu uso. Está ficando mais claro ao público, que, o uso de suplementos alimentares não é voltado apenas para as pessoas que estão na academia, mas, sim, para aqueles que buscam, realmente, uma complementação em sua alimentação e qualidade de vida. A Endorfina esteve presente, conferindo as novidades das principais marcas e distribuidoras de suplementos e alimentos funcionais, que cada vez mais se vê presente em nosso dia a dia. empresa, para atender um pedido dos consumidores, as novidades foram o Psycho Drink, energético desenvolvido a partir de carboidratos, cafeína, taurina e glucoronolactona. Seus nutrientes agem de forma a prover o nutriente energético necessário para o corpo e contém a menor taxa de sódio do mercado. Além dele, trouxeram a linha americana completa, com aminoácidos, creatinas, hipercalóricos e proteicos. A distribuição será feita junto com a D21, multinacional especializada em suplementos, nas melhores casas de bodyshop e nutrição esportiva. “Nosso segmento é carente de novidades. O consumidor é novo, rápido e que está conectado. Ele pensa em no-

www.revistaendorfina.com.br

vidades o tempo todo, e a Midway vem atender essa demanda, focando na qualidade”, afirma Colle.

Carduz O fisiculturista Arnold Schwarzenegger, em parceria com a MusclePharm, uma das mais importantes fabricantes de suplemento nutricional dos Estados Unidos, apresentou a Arnold Schwarzenegger Series, sua própria linha de suplementos. O lançamento oficial da marca no Brasil foi um dos grandes destaques na Arnold Classic Brasil. É a primeira vez que o fisiculturista associa seu nome a uma marca de suplementos, de acordo com Fabiana Carduz, diretora de marketing da Carduz, uma das maiores importadoras e distribuidoras de suplementos. Ela ainda diz que é perceptível a boa recepção dos produtos no mercado consumidor, uma vez que eles degustavam os produtos no estande.


A Arnold Schwarzenegger Series é composta por: Iron Whey ,que é feito a partir de proteína do soro do leite ultramicrofiltrada; Iron Cre3, de creatina molecularmente modificada, mais potente para treinos mais prolongados; Iron Pump, sendo um pré-treino preciso, para aumentar a capacidade do corpo de levar sange aos músculos, melhorando a eficácia das moléculas comuns; Iron Mass caracterizado pela presença de proteína, induzindo as calorias e partição de nutrientes para criar um ambiente perfeito para manutenção muscular; Iron Dream, que é o recovery da linha, projetada para atletas, aumenta a síntese de proteínas para neutralizar os efeitos dos treinos puxados, e reabastecem os sistemas energéticos. Outra novidade da MusclePharm é a FitMiss, linha de suplementos desenvolvida especialmente para as mulheres, que chega ao Brasil, primeiramente, com o Delight, um shake proteico que oferece níveis ideais de proteínas de alta qualidade, vitaminas e minerais que colaboram para a manutenção do tecido muscular, aumento de energia e perda de gordura e peso.

e tem o perfil ideal para as refeições intermediárias. “A Protein Crisp é uma ótima opção para substituir alimentos calóricos em refeições intermediárias”, pondera o gerente de Marketing da Integralmédica, Leonardo Wehbi.

Probiótica Preocupados com a alimentação saudável das pessoas, Erika Zago, nutricionista da já consagrada empresa, fala do lançamento da L-Glutamina Flavor. Segundo ela, o suplemento é um aminoácido essencial em algumas circunstâncias, para complementar a alimentação, mesmo que a pessoa não seja atleta. Com sabor agradável pode ser tomada pura, sem mistura. Com ação de divulgação, o estande da empresa tinha a forma idêntica ao novo produto. Além deste, levou uma linha gourmet, gostosos e nutritivos, como a sopa proteica, panquecas nutritivas, cupcakes e mousses instantâneos, bem funcionais, justamente para que as pessoas “comuns” possam fazer uso dos produtos.

IntegralMédica Durante o evento, a Integralmédica, uma das patrocinadoras Diamond da Arnold, lançou Protein Crisp, inovadora barrinha de proteínas crocante, nos sabores Romeu e Julieta, Trufa de Avelã, Torta de Limão e Doce de Coco. A Protein Crisp faz parte da linha Body Size, que leva o selo oficial de produto oficial do UFC, e é uma excelente fonte de nutrientes, numa combinação de carboidratos e proteínas com baixo índice calórico. A barrinha de 45g contém 13g de proteína

algo parecido no mercado, totalmente sem lactose ou glúten, isento de corantes e aromas artificiais, fatores alérgicos e inflamatórios”. É uma linha que beneficia desde atletas até pessoas que buscam melhor qualidade de vida, com justificativa pelo uso de cada substância. “Nosso objetivo não é vender produto, mas, sim, informação”, completa Peres. Com rótulos e embalagens mais limpos e “leves”, a carta de novos produto da linha Rodolfo Peres Series é composta pelo PROPLEX, alimento para substituição parcial das refeições; GLYCOHD, suplemento energético para atletas, PRO-MF, à base de proteína, voltado para atletas; pelo AMINOHD, feito com aminoácidos de cadeia ramificada; e por fim o ACTIVEHD, o pré-treino líquido pronto para consumo.

THN

Atlhetica Nutrition Assinada pelo nutricionista Rodolfo Peres, numa iniciativa inédita, a nova linha da Atlhetica Nutrition trouxe 5 produtos, que segundo Peres, “não existe

www.revistaendorfina.com.br

Durante a Arnold, a THN trouxe uma novidade mundial, que é uma água proteica. Os consumidores puderam experimentar o produto, conhecida como ACQUA PROTEIN, possui pouquíssimo sódio e muita proteína, além de zero carboidrato. É um produto de rápida absorção, refrescante e saboroso. A estratégia de marketing é que a bebida esteja disponível em restaurantes e mercados, apostando na democratização do seu uso.

23


suplementos

CELL FORCE Lançamento da Cell Force, com tecnologia MLT( Microtabs em Cápsulas Liquídas, em português), o prometem ser uma das sensações do mercado brasileiro, segundo Lucas Fisher, fundador da distribuidora Nutrabands. É um formato exclusivo por representar a ação dos produtos tanto na fase líquida quanto na sólida, sendo que a primeira fase é absorvida e liberada no estômago, enquanto a segunda fase consiste em 14 micro tabletes por cápsula, que se dissolvem gradativamente no intestino, onde os nutrientes são absorvidos melhor pelo organismo. Tem efeito rápido, eficaz e prolongado.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

SAN NUTRITION

24

ALL FUSION é o lançamento que a empresa levou ao evento do Rio Centro. Consiste em uma proteína retirada das plantas, novidade trazida dos Estados Unidos. Ao contrário da maioria das proteínas, à base de carne e soro de leite, vai atender um perfil de consumidor mais natural.

www.revistaendorfina.com.br

Neo Nutri “Essa, para nós, é a maior feira que existe do setor, no Brasil. Nós fazemos um maior investimento de marketing nessa feira. Trazemos todos nossos atletas e representantes comerciais. Isso daí faz com que tenhamos uma visibilidade muito grande, muito importante, porque o número de visitantes dessa feira é o maior que tem”, comenta Juliano Moreno, CEO da Neo Nutri. Em relação aos lançamentos, foram 3 os apresentados na feira: BETA + é suplemento pré-treino de creatina pra atletas, a base de creatina, cafeína, arginina, ornitina. Ela vai agir justamente a nível muscular reduzindo a acidez muscular, possibilitando que a pessoa consiga treinar em nível mais intenso, tendo uma fadiga menor. HMB é um metabólico da leocina, anticatabólico, pode ser utilizado antes ou depois dos treinos. Pode ser associado com BCAA, com proteínas, indicado para o público mais hardcore. LIPODRENE,à base de cafeína, ele tem óleo de semente de gergilim, então é bem interessante pra emagrecimento, pois tem absorção lenta da cafeína, que será absorvida ao longo do dia.


Fabricamos pesos e acabamentos para o seu equipamento

Aceitamos os cartões:

Mais de 500 itens à sua disposição

www.emar.com.br (17)

3269-9990

Referência em Qualidade


suplementos Vitafor Em potes de 60 e 120 cápsulas a Vitafor lança no mercado sua L-Carnitina. Quem busca uma queima de calorias e gorduras durante os treinos, junto com definição muscular, pode encontrar neste produto o que precisa, indica a nutricionista da empresa Isabella Camargo.

DNA

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Na primeira participação da DNA na Arnold, a novidade foi a reformulação de sua linha de proteínas, aminoácidos e hipercalóricos, buscando uma identidade diferenciada. Novidades como o BCAA Intense Powder, BCAA Combat para os aminoácidos, e Meat Amino para hipercalóricos, por exemplo, além de multivitamínicos. Para o público feminino, a Linha Feme, produtos para emagrecimento e hipercalóricos.

26

www.revistaendorfina.com.br

GT NUTRITION Representante no Brasil de diversas marcas, como Labrada, GT Nutrition USA, Universal Nutrition, Sport Pharma e Muscle Tech, a GT Nutrition, trouxe, também alguns lançamentos. André Joyce, surpreso com o grande número de visitantes na feira falou um pouco sobre os produtos que vem por aí, com o que tem de mais moderno. Ele citou a Hydro Crea, da GT Nutrition USA, uma creatina hidrolisada, como forte novidade. Estão a caminho alguns queimadores e novos shakes para o mercado, assim como barras proteicas, multivitamínicos e aminoácidos, voltados para todos os perfis de consumidores: hardcore e fitness.


usa

A marca americana de suplementos que já conquistou os brasileiros

Lançamentos marca exclusiva

:: Perda de peso :: Mais massa magra :: Mais energia

:: Aumenta a energia :: Mais força :: Mais resistência

Bio-Sport USA: “Suplemento importado, com preço de nacional.”

COMPRE JÁ EM:


[ Ano4 | NĂşmero30 ] 2014

28

www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

29


Acontece fitness

Enquanto isso,

nos eventos

Fitness... A Endorfina traz as novidades e informações do que aconteceu nos eventos que marcaram os últimos meses Fotos – Tico Fonseca Melo e Márcio Mecca

Por Márcio Mecca

O

mês de abril foi muito movimentado e aquecido em relação aos eventos fitness que aconteceram. Eles trouxeram novidades de equipamentos, palestras e encontros de empresários do setor. Foram discutidos os panoramas do mercado, feitas novas conexões, aproximação entre empresa e público-final, fornecedores. Pessoas espalhadas pelo Brasil puderam conferir o que acontece por essas feiras, participando ativamente delas. E você, agora, poderá saber melhor sobre três das principais feiras fitness esportivas desses últimos meses.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Goiânia Capital Fitness

30

O Goiânia Capital Fitness deste ano realizado na cidade que leva seu nome, entre 3 a 6 de Abril no Centro de Convenções de Goiânia, levou mais de 40mil visitantes à feira de esportes. Dentre eles, 3400 profissionais e estudantes melhoraram sua qualificação nos mais de 60 cursos oferecidos no evento. Os mais de 60 expositores, fecharam negócios de aproximadamente 15 milhões de reais. Um dos pontos altos do evento foi a pre-

Goiânia Capital Fitness

www.revistaendorfina.com.br


enaf são josé dos campos sença da modelo Eva Andressa, que arrastou milhares de pessoas e as filas para tirar uma foto eram enormes. No encontro de empresários, Business Conference, mais de 200 empresários discutiram as dificuldades e perspectivas do segmento. Diversos deles demonstraram preocupação com o ambiente de negócios no Brasil, eles alegaram que altas taxas de juros, dezenas de casos grandes de corrupção e baixo crescimento do país, além da alta inflação, são altamente prejudiciais aos negócios e que algo precisa ser feito imediatamente para reverter este quadro.

cerca de cinco mil congressistas. Estimamos que mais de 80 mil pessoas tenham visitado nossa feira. Em 2015, comemoraremos 25 anos e, entre outras atrações, teremos a presença de um grande artista do showbiz. Vamos fazer uma grande festa para a Cidade, não só para quem estará no evento”, afirma Waldyr Soares, fundador e presidente da Fitness Brasil, empresa organizadora do congresso sediado no Mendes Convention Center, em Santos. A 24ª Fitness Brasil Internacional foi uma realização da Fitness Brasil com o patrocínio master da Movement e copatrocínio da Mormaii.

O que chamou atenção ENAF São José dos Campos Em sua primeira edição, nos dias 4, 5 e 6 de abril, o ENAF São José dos Campos foi um sucesso. Nos cursos de capacitação e atualização os congressistas tiveram a oportunidade de aprimorar seus conhecimentos com as mais novas técnicas, pesquisas e treinamentos para o Esporte, Fitness e Saúde. Foram 3 dias com mais de 25 cursos, palestras e workshops acontecendo simultaneamente, de manhã, à tarde e à noite. Dezenas de palestrantes e professores, atuantes em escolas e empresas, universidades do Brasil e do exterior, encarregam-se da abordagem teórica e prática dos conteúdos no evento. Essa intensa troca de informações e atualização de conhecimentos, fundamental para a evolução do universo da prática da atividade física, e o significativo mercado que existe em torno dele, faz do ENAF um acontecimento obrigatório e

observado com atenção por um número de pessoas cada vez maior. A localização da cidade, há 1 hora da capital e repleta de importantes cidades do Vale do Paraíba, é com certeza um dos grandes triunfos de visão do ENAF para impulsionar o evento cada vez mais.

24ª Fitness Brasil Internacional Realizada durante o feriadão de Páscoa, entre 18 e 21 de abril, a 24ª Fitness Brasil Internacional reafirmou a sua posição como maior evento para profissionais de educação física do mundo. Devido ao grande público, de cinco mil congressistas e 80 mil visitantes à feira, realizado em paralelo ao congresso, os organizadores já confirmaram que Santos receberá o evento novamente em 2015, entre os dias 18 e 21 de abril. “Mais uma vez, atingimos nossas metas. Realizamos mais de 90 cursos em quatro dias para

www.revistaendorfina.com.br

Além dos cursos para os profissionais de educação física, mais uma vez a Fitness Brasil também abrigou uma feira com 90 expositores, a Expo Fitness Brasil, reunindo destaques e novidades em equipamentos de musculação e pilates, atividades, nutrição, vestuário. A confirmação num evento deste quilate é estratégica, pois pode-se fazer contatos tanto com o público-final quanto com fornecedores e potenciais parceiros. Além dos estandes e produtos das marcas já conhecidas entre os Endorfinados, como Equipilates, Líder Fitness, Slade Fitness, SuperTech e Lion Fitness, o que chamou atenção foi o perfil de acessórios para fitness, muito práticos e funcionais, em sua maioria, assim como outras novidades. A empresa de equipamentos fitness Movement, que contou com um grande e decorado estande, apresentou a nova linha Edge, de força. Com design diferenciado, tende a ser mais compacta,

31


Acontece fitness

[ Ano4 | Número30 ] 2014

fitness brasil internacional

32

pensando na restrição de espaço das academias. Assinado por Índio da Costa, possui um preço acessível, segundo Alexandre Caraccio, gerente de marketing da Movement. Além disso a empresa realizou, em parceria com o ultramaratonista Carlos Dias, considerado o Super-Humano pela History Channel, uma ação com o objetivo de engajar os visitantes a correrem em prol do GRAACC. Cada Km percorrido tinha o valor de R$ 20,00 e ao final do evento, o valor de 10 mil reais foi convertido em doações para as crianças e adolescentes com câncer atendidas pela instituição. “Esta é uma ação que, além do cunho social em ajudar esta instituição renomada de auxílio ao combate ao câncer de crianças e adolescentes, fará com que muitas pessoas também pensem em como adotar um estilo de vida mais saudável, já que a prática de exercícios físicos é muito benéfica ao organismo e previne muitas doenças”, comenta Alexandre Caraccio.. Já a Riguetto veio com a Linha Fit, com

1,45m de tamanho, apostando na dupla função, que seria o conforto físico e vivência da academia. Funcional, ela possui porta-garrafa e celular, e, mais baixa, colabora para o usuário ter uma visão mais ampla do local de treinamento, podendo conversar com outros usuários, o que indica seu valor agregado. Enquanto isso, a Bem-Estar Equipamentos apresentou em seu estande, sua nova esteira, a BE 2000. Com capacidade para 160Kg, chega a velocidade de 18 Km/h. Possui sistema de monitoramento cardíaco por Hand Grip e painel em LCD com 05 janelas. Destaque também pela sua praticidade e funcionalidade, o Gymstick®, trazido ao Brasil por Spiros Paulo da NS Inaladores, tem um conceito multifuncional de fitness voltado ao fortalecimento e tonificação de todos os grupos musculares. Por aqui a Escola Fitness é licenciada para utilizá-lo, sob orientação da personal Cida Conti. Já foi eleito o melhor equipamento fitness do mundo, por realizar exercícios multiplanares, ativando diver-

www.revistaendorfina.com.br

sos músculos ao mesmo tempo. O produto é uma barra de fibra de vidro, com 320 gramas, mas dependendo da intensidade pode gerar uma carga de 60kg, não oferecendo riscos. Com uma alternativa interativa entre professor e aluno inédita, é possível obter vídeo aulas de exercícios através de um smartphone, junto com além de uma seleção de músicas para a execução das atividades. Para simular movimentos do esqui, foi introduzido no Brasil o Pro Ski Up, que contribui para o progresso de elementos específicos de coordenação. Os exercícios propostos corrigem a posição do corpo, restauram o equilíbrio e fortalecem a musculatura. Também melhora a técnica para esquiar na neve, reduz risco de lesões, pois não há traumas nem sobrecarga ou impacto no corpo, segundo Davor Puhak, o croata criador do Pro Ski Simulator. No campo alimentício, a novidade que mais chamou atenção foram os alimentos nutritivos e funcionais da La Pianezza. Com capacidade suplementar, os produtos podem ser inseridos na rotina alimentícia, como a Biomassa de Banana Verde. Ela serve para otimizar o metabolismo e o treinamento, além de reduzir o risco de doenças cardiovasculares e intestinais. Pode ser utilizada no suco, milk shake ou no almoço, pois não altera o sabor dos alimentos. A linha gourmet, assinada pelo chef e consultor gastronômico Marcelo Facini, possui pastas de alcachofra, sardela e nozes, entre outros sabores, e são todos naturais, segundo Cléo Neto, responsável pelo planejamento da empresa.

Para resumir “Em evento deste porte, que alia a uma grande feira a um congresso para profissionais, movimenta a Cidade como um todo, pois recebemos muitos visitantes de outras cidades. Além dos negócios realizados na própria feira, a economia local se beneficia pelo grande fluxo de pessoas em hotéis, restaurantes e shoppings”, ressaltou Alcídio Mello, secretário de esportes de Santos, durante sua presença ao evento.


POTENCIALIZE SEUS RESULTADOS E VENÇA SEUS LIMITES.

Os produtos BodyGenigs são formulados com a combinação perfeita de nutrientes para que você possa obter o melhor desempenho em seus treinos e melhor recuperação.

COMPRE JÁ EM:

ULTRAPASSE SUAS BARREIRAS

marca exclusiva


capa

hulk Confiança na torcida e força de super-herói

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Por Felipe Araújo

Fotos – Rafael Ribeiro

34

www.revistaendorfina.com.br


ESPECIAL COPA DO MUNDO FIFA 2014

www.revistaendorfina.com.br

35


capa

“V

lido para correr junto com seus companheiros atrás da taça e fazer com que ela nem saia do Brasil após o dia 13 de julho, data da grande decisão. No embalo da união citada pelo atacante, vamos juntos acompanhar a entrevista com mais um astro da Seleção Brasileira.

COMO CHEGA PARA A COPA Estou feliz por ter conquistado esse título de melhor jogador do campeonato e infeliz por não ter sido campeão. Mas agora é foco na Copa. Me cuidei bastante, estou bem fisicamente e espero poder me dedicar ao máximo para chegar forte e fazer uma ótima Copa do Mundo.

A FASE DE GRUPOS Não vai ser um grupo fácil. Sabemos que na Copa do Mundo cada jogo é uma final. Vamos entrar focados e concentrados desde o início das partidas para, se Deus quiser, fazer sete finais.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

amos correr o máximo, não vai ter bola perdida e vamos dar a vida a cada jogo”. Essa é a promessa de Givanildo Vieira de Souza, mais conhecido Hulk, um dos jogadores que estarão na Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 com a Seleção Brasileira com a missão de conquistar o hexa dentro de casa. O atleta do Zenit, da Rússia, que estampa a capa desta edição da Revista Endorfina chega ao Mundial com a moral de ter sido eleito o melhor jogador do campeonato nacional, no qual seu clube terminou com a 2ª colocação. O homem que mais fez gols oficiais pela Seleção entre os 23 convocados de Luiz Felipe Scolari falou conosco sobre tudo que envolve a principal competição de futebol do planeta, que terá início no dia 12 de junho, na partida contra a Croácia, na Arena Corinthians, em São Paulo. Hulk está confiante, motivado e com a força do super-herói que gerou seu ape-

36

www.revistaendorfina.com.br

SUAS PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS E O ATAQUE DA SELEÇÃO Quem me acompanha sabe das minhas características, no que posso ajudar o grupo. Sobre o reconhecimento do meu trabalho, foi mais depois da Copa das Confederações, quando passaram a acompanhar mais o meu futebol. Infelizmente nem todos me acompanham na Europa. Saí muito cedo do Brasil, só fiz um jogo como profissional e fui seguir minha carreira. Deu certo, estou bem, já estou há quatro na Seleção. Estou feliz, já participei com três treinadores diferentes. Todos me deram oportunidades e confiança. Agora tenho apoio de todos brasileiros e com certeza vou chegar com força máxima. Acho que no geral, depois que os torcedores viram minha entrega dentro de campo para ajudar os companheiros, correndo bastante, abdicando um pouco das minhas características, mas sempre pensando no melhor para a Seleção, viram meu valor. No Zenit, muitas vezes sou o último homem do ataque, o que fica mais avançado. Na Seleção jogamos mais no 4-3-3, que se torna um 4-4-2, um 4-5-1, então a gente muda essa formação durante o jogo. O Felipão me dá total liberdade para trocar de posição com o Neymar, com o Oscar, até com o próprio Fred para fazer uma mudança ali, e também com nossos médio-defensivos, que quando eles atacam, quem está mais próximo da posição precisa defender. Fico feliz pela confiança que o treinador me passa. É muito bom quando se tem a defesa elogiada. Até porque nossa defesa começa no ataque com o Fred, indo até o Júlio César. Todos defendem e para atacar, a gente sabe que precisa ter segurança lá atrás. Estamos conscientes que damos o nosso melhor. Na Copa das Confederações fizemos bastantes gols. Me sinto bem na Seleção. Acho que qualquer jogador, independente da posição que esteja, se tiver que recuar ou avançar um pouco mais, vai fazer isso em prol


do time e em prol do grupo. O estilo de jogo no Zenit é um pouco diferente da Seleção, mas o Felipão me dá total liberdade para fazer o que sei quando estou com a bola e sem a bola, procuro ajudar bastante na parte defensiva, tecnicamente. Me sinto à vontade para fazer o meu melhor.

FASE DO JOGADOR ANTES DE CHEGAR À SELEÇÃO A gente costuma dizer que o jogador que teve uma temporada boa com o clube já chega motivado, com aquela força. Quando chega à Seleção, mesmo que o jogador não esteja no melhor momento, é totalmente diferente. A gente vive um ambiente familiar, de amigos, de irmão que um tem com o outro e isso ajuda bastante. Quando iniciar a competição, pode ter certeza que todos estarão bem e motivado.

MANIFESTAÇÕES É difícil opinar sobre essa situação, até porque, não sabemos o que vai aconte-

cer. De uma coisa eu tenho certeza, os brasileiros são apaixonados por futebol e vão nos apoiar. Nós, dentro de campo, vamos carregar nosso país e nossa pátria. Vamos correr por eles, ser hexa e dedicar o título a todos brasileiros.

ENVOLVIMENTO DO BRASILEIRO COM A COPA Foi assim também antes da Copa das Confederações e quando começou vi o apoio de todos brasileiros. Até no hino nacional, todos cantando com aquela vibração. Isso era uma força que eles nos deram a mais. Tenho certeza que o brasileiro será nosso 12º jogador.

A POSSIBILIDADE DE ATUAR COMO CENTROAVANTE Não será uma posição nova. Já fiz muito isso no Porto e algumas vezes no Zenit também. Eu quero o Jô e o Fred bem, tanto fisicamente, como de cabeça para que elas possam fazer bastante gols para gente.


capa

O QUE FARIA PELO HEXA Promessa eu ainda não fiz. Mas a Copa do Mundo no Brasil vai ser histórica. Se tiver que morrer mas ser hexa, eu queria. Ser hexacampeão vai ficar gravado na história. Minha família vai ver. Todos brasileiros irão ver. Ganhar a Copa com certeza será marcante.

COMO LIDAR COM A CRÍTICA Sou um cara que não abaixa a cabeça. Tive que sair cedo de casa para vencer na vida. Às vezes ouve uma crítica daqui e dali, muitas vezes ouve coisas que as pessoas nem sabem o que acontece, mas comente sobre você. A gente não pode nunca rebater, mas sim manter a cabeça focada para continuar trabalhando e dar a volta.

O PESO DA RESPONSABILIDADE DE CONQUISTAR O TÍTULO DENTRO DE CASA A responsabilidade é muito grande, mas se for perguntar para qualquer ser humano se queria ter essa responsabilidade, acho que nenhum diria que não. É uma responsabilidade que todos nós queremos enfrentar. Sabemos que têm milhões de torcedores nos apoiando e a gente só tem que pensar em jogar, se concentrar e um correr pelo outro.

OS CASOS DE RACISMO Nunca sofri nenhum tipo de racismo na Rússia. Já falei que se um dia sofresse, não sei se ficaria lá. O racista não tem noção das coisas, não passou por dificulda-

des e não sabem que somos todos iguais como ser humano. É algo que devia acabar, não só no esporte, mas em todos lugares e a punição deveria ser mais grave.

O QUE FAZER DE DIFERENTE PARA ESCAPAR DOS ADVERSÁRIOS Com certeza vai ser muito mais difícil do que foi na Copa das Confederações. As seleções que entram para nos enfrentar já entram estudadas em relação aos nossos jogadores e a forma de jogar. Por isso que falo que cada jogo será uma final.

O DESGASTE FÍSICO DE CADA POSIÇÃO Todos falam que já atuei na lateral, mas na verdade, foi apenas uma competição apenas na base do Vitória. Jogava mais de meia e quando cheguei no Juniores já fui para o ataque. Qualquer posição no campo puxa muito do vigor físico. A gente está acostumado a jogar no futebol europeu, que é um futebol corrido, onde a bola vai e volta. Acredito que não tem uma posição que corre mais que a outra.

RELAÇÃO COM O PROFESSOR

[ Ano4 | Número30 ] 2014

A gente costuma dizer que o Felipão é um paizão daqueles bem rigorosos. Se não for correto ele puxa a orelha mesmo, mas sabe fazer um grupo forte e fechado. Isso é a Seleção. O ponto forte da nossa Seleção é a união dentro e fora de campo. Na concentração é 24 horas dando risada, um brincando com o outro e gente leva essa alegria para dentro de campo, que nos fortalece mais ainda.

38

PRINCIPAIS CONCORRENTES Alemanha, Espanha, Argentina, Inglaterra, Uruguai, Itália. Tem muitas seleções que podem chegar ao título, mas a Seleção Brasileira que vai ser campeã.

www.revistaendorfina.com.br


Alta performance e fácil manutenção Solução inteligente: a primeira linha nacional de esteiras que dispensa a lubrificação.

Fábrica: Rua Itacuruçá, 568 • Jd. Aeroporto • Campinas/SP • Brasil • 13056-094 Fone: 19 3766.7600 • www.righetto.com.br • righetto@righetto.com.br www.revistaendorfina.com.br

39


capa

POSSIBILIDADE DE DEFENDER SEU TIME DE CORAÇÃO

MENSAGEM PARA OS TORCEDORES para mim e as condições não ajudavam quando o Palmeiras ia jogar no Nordeste. Um dia ainda vou assistir ao jogo do Palmeiras em São Paulo e levar meus filhos. Um momento marcante para mim foi quando ganhou a Libertadores, em 1999, e o Mundial, que infelizmente perdemos para o Manchester, mas ficou marcado para mim.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Consegui fazer o meu pé de meia. Tinha o sonho de dar uma casa para meus pais, e consegui. Fico mais feliz por isso. Disputar o Campeonato Brasileiro é um sonho também e tenho muita vontade. Não sei para quando. Estou com 27 anos, mas ainda não faço planos de voltar ao Brasil. Tenho um grande carinho pelo Palmeiras. Vou estar torcendo pelo clube nesse centenário, mas nunca se sabe. Quem sabe no futuro. Sem dúvida o Palmeiras por eu ser palmeirense, mas têm muitos clubes bons no Brasil, que podem oferecer estrutura semelhante à da Europa. Se for para o Palmeiras ficarei feliz, mas se for para outro time, com certeza vai ser bem escolhido. Nunca tive oportunidade de jogar e quando criança era difícil ir assistir. Por ser paraibano, ficava muito longe

www.revistaendorfina.com.br

O que posso dizer é que o torcedor nunca precisa ter dúvida da nossa vontade de querer ser campeão, de querer dedicar o título aos brasileiros. Vamos correr o máximo, não vai ter bola perdida e vamos dar a vida a cada jogo. Pedir para que eles nos apoiem como foi na Copa das Confederações, porque dentro de campo vamos dar conta do recado.


Feira de produtos, serviços e equipamentos para academias, clubes e lojistas de material esportivo

O país da Copa, também é o país do Fitness.

Participe do maior evento de negócios do setor!

25 a 27 de julho de 2014

Centro de Convenções SulAmérica Av. Paulo de Frontin, 1 - Cidade Nova - Centro / Rio de Janeiro - RJ Info: 21 3478 1999 / 11 3061 1203 I www.riospor tshow.com.br I contato@riospor tshow.com.br Apoio

Parceria

Realização


espelho fit

torcer

Vestidas para Algumas marcas já entraram no clima de Copa do Mundo e criam marcas exclusivas para o evento Por Vanessa Barcellini

[ Ano4 | Número30 ] 2014

O

42

Fotos - Divulgação

ano de 2014 aparece cheio de novidades e tendências. A moda fitness invade cada vez mais o guarda-roupa dos atletas e apresenta peças ainda mais sofisticadas e cheias de estilo. As pessoas tem optado por roupas mais confortáveis, com alta tecnologia e acima de tudo, que chamem a tenção pela beleza. A ideia é unir a beleza e conforto. “Da mesma maneira que as pessoas se preocupam em vestir um look certo para cada ocasião, na hora de malhar existe a mesma exigência na qualidade, conforto e estilo das peças”, afirma a estilista Juliana Feres, da Vestem. Os modelos de roupa mais procurados, ainda estão entre regatas, shorts, tops, leggings, bermudas, coletes e acessórios como: garrafinhas, meias, viseiras, polainas, munhequeiras e porta-iPods. Tatiana Mancini, gerente de produtos da Asics Brasil, garante que a tendência fintess para 2014 está cada vez mais focada no esporte, com peças femininas diferenciadas com tecnologia e conforto. “Um tecido que está sendo muito utilizado é o Cirrê – tecido de elastano com brilho – que possui uma alta tecnologia Hydrology. Além de estampas com cores fortes, que também são tendências para

esta linha.” E para não perder o embalo da Copa do Mundo, as marcas estão apostando na moda voltada para evento, criando assim, uma linha exclusiva para aqueles que querem torcer sem deixar a moda fitness de lado. Confiram algumas marcas:

Os modelos de roupa mais procurados, ainda estão entre regatas, shorts, tops, leggings, bermudas, coletes e acessórios como: garrafinhas, meias, viseiras, polainas, munhequeiras e porta-iPods

www.revistaendorfina.com.br


trinys VESTEM A vestem entra no clima de Copa do Mundo e lança a linha Fashion Cup. Segundo a estilista Juliana Feres, a ideia surgiu da necessidade de uma alternativa diferente do básico, como por exemplo, a camisa de time. Sendo assim, resolveram inovar e criar uma coleção voltada para o evento, que se resume em um patriotismo divertido e leve para mulheres que querem torcer durante os jogos. Vale lembrar que as roupas são, antes de mais nada, dedicadas à prática de exercícios físicos, porém, os looks também oferecem o uso em diversas ocasiões fora da academia.

vestem

A Vestem aposta em uma matéria-prima diferenciada e na modelagem que acentua os melhores atributos da mulher. “A ideia é deixar a consumidora cada vez mais confiante de si mesma”, afirma a estilista.

Trinys Para a tendência de moda fitness em 2014, a Trinys, aposta em designs cada vez mais arrojados, confortáveis e com tecidos de alta tecnologia – acabamentos de brilho, estampas inspiradas em peles de animais, efeitos abstratos e geométricos. Além das peças com trans-

www.revistaendorfina.com.br

parência em telas, tules e malhas com efeito devorê. Segundo a diretora de desenvolvimento de produtos, Ivanete Ballardini, da Trinys, “conforto e estilo caminham juntos na moda fitness & sportswear”. Por isso é preciso unir as duas coisas e criar uma roupa adequada para todas as situações. E a marca também não ficou de fora na hora de desenvolver uma linha exclusiva para a Copa do Mundo. A Trinys produziu peças nas cores verde, amarela, azul e branca. As roupas seguem as tendências da moda fitness, porém, com as cores do Brasil.

43


Espaço treino

Treinamento Funcional e Corrida

[ Ano4 | Número30 ] 2014

É

44

de conhecimento geral que a prática isolada da corrida pode trazer inúmeros problemas ao atleta, principalmente aqueles relacionados ás lesões. Neste contexto a busca por atividades que consiga preparar o organismo para sua prática é de suma importância. Uma das atividades mais praticadas por corredores atualmente é o treinamento funcional associado aos treinos de corrida. Ele tem sido cada vez mais incorporado nas academias e nos treinamentos de personal trainers. Ele pode ser aplicado em qualquer lugar e traz muitos benefícios. Com o treinamento funcional é possível trabalhar todos os grupos musculares utilizando apenas o peso corporal do praticante, em boa parte do trabalho. Além disso, tem foco no movimento, não necessariamente no músculo, por isso a necessidade de se utilizar da especificidade do exercício, e tem objetivos variados como incrementar a estabilidade, coordenação motora, técnica e força durante a corrida ou treinamento. É possível exercitar diversas habilidades físicas como o equilíbrio, postura, coordenação e a resistência cardiorrespiratória e muscular. Isso fortalece as articulações, ajuda na manutenção da massa magra e melhora a parte cardiorrespiratória durante a prática da corrida.

Benefícios do treinamento funcional na corrida: Melhora o gesto esportivo da corrida resultando em economia de energia; Auxilia no ganho de força, flexibilidade e equilíbrio; Melhora da postura; Trabalha eficazmente o CORE – Complexo lombo-pélvico, quadril; Melhora do mecanismo metabólico, resultando em um maior gasto calórico e, portanto redução do peso corpóreo; Diminui o risco de lesões com o trabalho preventivo

o treinamento funcional, traz inúmeros benefícios aos seus praticantes melhorando consideravelmente o seu condicionamento físico Em resumo, o treinamento funcional, traz inúmeros benefícios aos seus praticantes melhorando consideravelmente o seu condicionamento físico para corrida. E por tratar-se de uma atividade extremamente dinâmica, foge dos tradicionais exercícios de academia. É possível explorar o máximo do rendimento do aluno, contribuindo cada vez mais para seu bem-estar e desenvolvimento físico.

Dr. Moisés Cohen Professor Titular chefe do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Unifesp, Presidente da Sociedade Mundial de Artroscopia, Cirurgia do Joelho e Trauma Desportivo (ISAKOS) e diretor do Instituto Cohen de Ortopedia, Reabilitação e Medicina do Esporte Instituto Cohen Tel.: (11) 3093-9000 | www.institutocohen.com.br

www.revistaendorfina.com.br


Espaço saúde

Efeitos Fisiológicos da Massagem para o

Bem-Estar

[ Ano4 | Número30 ] 2014

C

46

omo muitas formas de tratamento médico, a massagem tem sido usada com excesso e proposta para efeito de cura de todas as doenças, num ou noutro período da história. Ela tem sido usada como um meio físico para aliviar a dor e o desconforto. Vamos através da história, resgatar um pouco sobre o conhecimento da massagem. A massagem é citada e praticada pela medicina tradicional na China antiga desde 3000 a.C. Em alguns livros antigos dos orientais encontramos ilustrações sobre a prática do Tui-ná, a mais antiga prática de massagem conhecida. Os egípcios antigos, budistas, persas e japoneses usaram massagem e movimentos no tratamento de várias doenças e lesões; técnicas como ammá, shiatsu e digitupressão. Nas ilustrações antigas os homens atletas eram massageados antes e após as práticas desportivas. As mulheres, para ficarem mais belas, eram massageadas várias vezes por semana. Hipócrates, conhecido como o Pai da Medicina, via a massagem como uma ferramenta terapêutica muito importante e fez um estudo sobre mesma no “On Articulations”. Ele citou, por exemplo, que os médicos deveriam apresentar mais experiência em fricção. Também Asclepíedes, outro médico grego, firmou que existiam apenas três agentes terapêuticos: a hidroterapia, os exercícios das técnicas e a fricção. Ga-

leno (129-199 d.C), que escreveu cerca de 16 livros relacionados ao exercício da massagem, aprofundou as técnicas em termos de pressão e direção, frequência e tratamento. Os gregos usavam massagem aplicada nos atletas tanto antes como após um evento esportivo. Chamada de Apoterapia, acreditava-se que preparava a musculatura antes do evento e limpava os membros de matérias supérfluas e fluidos após uma atividade extenuante. Durante a Idade Média, no século XVI, o francês Ambrosie Paré transcreveu e publicou uma literatura antiga sobre fricções, junto com sua própria aplicação específica para pacientes cirúrgicos. É reconhecido como um precursor das massagens pré e pós-circúrgicas. Per Henrik Ling, da Suécia, símbolo da massoterapia mundial, criou, em 1813, o primeiro instituto de massagem, no Central Royal Institute Of Gymnastics, em Estocolmo. Ele organizou a massagem e os exercícios terapêuticos num sistema que se

tornou conhecido como ginástica médica. Nos Estados Unidos aparecem figuras como Douglas Grahm, um médico de Boston, e John Kellogg, de Battle Creek, que escreveu em 1900 o Livro Manual de Massagem, um dos mais notáveis livros sobre massagem. Na Inglaterra, tanto Mennell, como Cyriax, na Inglaterra, usaram uma aplicação específica de massagem com fricção profunda para estruturas articulares profundas contráteis e não contráteis lesadas, tanto em condições agudas como crônicas. No Brasil com o aumento de indústrias e desenvolvimento automobilístico, com o crescimento de serviços e concentração urbana, surge o estresse e fadiga. Para isso podemos lançar mão da prática da Massagem Antiestresse. Este método tem ganhado popularidade em muitos países na América e na Europa nos últimos anos. Certamente será a prática mais comum, com os grandes eventos esperados para o Brasil, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas.

Prof. André Nessi • Prof. da Graduação e Pós Graduação da Universidade Anhembi-Morumbi • Diretor do Instituto Nessi de Massoterapia • Autor do Livro Massagem Antiestresse andrenessi@yahoo.com.br www.institutonessi.com.br

www.revistaendorfina.com.br


Uma cinturinha de nunca foi tão desejada. A linha de esteiras PROGRESS® R é composta de três modelos com várias funcionalidades: monitores programáveis, displays maiores e coloridos e uma largura de 92 centímetros, sendo a maior área útil do mercado com 158cm x 58cm.

PROGRESS R5 - Velocidade até 18km/h. - 08 programas predefinidos + programação de tempo.

PROGRESS R6 - 20 programas predefinidos (velocidade, inclinação, veloc. x inclinação) + programa de tempo. - 15 níveis de inclinação.

PROGRESS R7 - Velocidade até 25km/h. - 20 programas predefinidos (velocidade, inclinação, veloc. x inclinação) + programa de tempo. - 20 níveis de inclinação.

Rua Bernardino José de Oliveira, 1113. Blumenau/SC

47 3334.1003 . www.trgfitness.com.br


Espaço wellness

Obesidade x Postura

[ Ano4 | Número30 ] 2014

A

48

obesidade é considerada uma doença de etiologia multifatorial: genética, social, familiar, psicológica, nutricional, etc., sendo um dos maiores problemas de saúde pública que utiliza como referência o cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC), ou seja, um valor ≥ 30 kg/m2, mostrando se a pessoa está ou não obesa. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, em 97 artigos científicos com quase três milhões de pessoas que estão obesas, constatou-se um risco de 18% maior de morrer em relação a uma pessoa com IMC normal, ou seja, ≤25 kg/m2. Observa-se que esta situação de saúde leva para um desalinhamento postural pelo fato de sobrecarregar ossos, músculos e articulações, dificultando o funcionamento do sistema musculoesquelético. As dores geradas nas costas causam, em casos mais extremos a lombalgia, hérnia disco e problemas nos joelhos. Neste sentido, busco dar algumas orientações, que são fundamentais e eficazes para a promoção da saúde e melhora da postura por meio do exercício físico. Na escolha dos calçados, utilizar o tênis mais confortável possível, que se adapte ao pé, com solado macio e boa ventilação, para favorecer o amortecimento e aliviar a pressão causada nos pés. Outra situação que auxilia é nos joelhos, pelo fato de nesta região haver uma grande transferência do peso corporal

para este local, ocasionando desde desconfortos e pequenas lesões, até riscos de rompimento dos ligamentos. Quanto às roupas, usar peças e acessórios confortáveis, de algodão, dry fit e stay cool, pelo fato destas permitirem boa movimentação corporal, auxiliar na respiração das glândulas da pele; Já no que se refere à prática de exercícios em ruas, parques, pistas, praças públicas, academias, estúdios, spas e etc., recomenda-se: utilizar caminhadas de leve a moderada intensidade, controlando a respiração, ou seja, conseguir realizar o exercício e falar ao mesmo tempo; adotar o treino intervalado como forma de condicionamento físico, pelo fato de ser mais indicado devido a sua rápida remoção de gordura, agindo como fonte de energia para execução dos movimentos; praticar exercícios com uma frequência semanal de 3 a 5 vezes e duração de 20 a 60 minutos cada sessão, segundo recomendação do Americam College Sports Medicine (ACSM);

1

2 3

4

evitar deslocamentos rápidos e abruptos, pois estas atitudes sobrecarregam o sistema cardiovascular e elevam a pressão arterial, podendo causar infartos, caso a pessoa tenha problema no coração e acidente vascular cerebral (AVC); hidratar-se sempre, bebendo água de preferência gelada, para refrescar o corpo o mais rápido e sempre procurar utilizar uma toalha para enxugar o suor excessivo; Todas informações citadas, direcionam para objetivos que são primordiais para o desenvolvimento da promoção de saúde da pessoa obesa: auxiliar a transpor as dificuldades por meio de exercícios de forma autônoma; ensinar a aceitar sua constituição física e enfrentar o desafio de emagrecer com paciência, disciplina e persistência, evitando-se assim, futuras consequências de curto a longo prazo; desenvolver a consciência corporal (físico, mental e social), pois são fatores que mais interferem no entendimento desta estratégia.

5

Josenei Braga dos Santos Mestre em Ergonomia pela Universidade Federal de Santa Catarina(UFSC) Graduado em Educação Física pela Universidade Regional de Blumenau(FURB) Pesquisador Colaborador do Laboratório de Biomecânica(CDS/UFSC) Coordenador da Rede de Estudo da Postura Humana(REPH)

www.revistaendorfina.com.br


Lojista: Entenda como é fácil lucrar com o maior distribuídor de suplementos alimentares do Brasil. Garanta um giro de estoque saudável e aumente sua receita, comprando somente os itens que vendem mais em sua loja.

Arcamos com as despesas do frete para reduzir seus custos.

GRÁTIS Frete Grátis em todo o Brasil com entrega express

BOLETO

3X

Flexibilidade no pagamento Melhore seu Fluxo de Caixa.

Condições especiais para você.

Maior mix de Suplementos Alimentares do Brasil: 4 mil itens e mais de 170 marcas.

Menor pedido mínimo do mercado: apenas R$ 700,00

Equipe Comercial Especializada Sua receita está diretamente ligada ao seu resultado. Abasteça seu estoque de forma inteligente, aumentando a sua receita em até 50% e reduzindo seu custo em até 30%.

Conte com a expertise da nossa plataforma de e-commerce e saiba como atender a demanda do seu ponto de venda.

SAIBA MAIS EM: - WWW.ATACADO.CORPOPERFEITO.COM.BR Ou ligue agora mesmo para: (21) 3513-0368


Espaço gestão Novas tendências no mercado de academias e reflexões sobre

seu negócio

[ Ano4 | Número30 ] 2014

E

50

stamos em época de Copa e daqui a dois anos teremos as Olimpíadas, dois importantes eventos que contribuirão para colocar o Brasil em evidência no mundo todo. Além disso, são indicativos que mostram aos empresários brasileiros que tipo de desafios terão que enfrentar em seus negócios, adequando-se a essa nova realidade. E isto não é diferente para os gestores, empreendedores e proprietários de academias e negócios fitness. No mundo inteiro existe uma série de vendedores que desenvolvem soluções para atender diferentes necessidades do mercado fitness e bem-estar, diferentes daquelas que são utilizadas há algum tempo no Brasil. Em quase todos os congressos e palestras do segmento fitness é comum escutar comentários a respeito da Smart Fit, um modelo de academia que possui um professor para 200 alunos e muitas máquinas modernas, tudo a um custo de R$ 49,00. No entanto, estão para chegar ao Brasil redes que irão oferecer aulas coletivas de altíssimo nível de qualidade, como as aulas do Cirque du Soleil, cobrando algo em torno de R$ 19,00 por mês. Como você gestor de academia vai lidar com isso? Existem outras academias estudando entrar no mercado brasileiro e implementar grandes redes com conceito de que o cliente paga o quanto de serviços for utilizar. Por exemplo, se o cliente quer fazer apenas uma aula de ginástica, ele irá pagar o equivalente a 2 dólares. Ou seja, é como se fosse um shopping de fitness ou wellness. Nesse modelo não existe retenção e a satisfação do cliente é alta, pois ele compra apenas aquilo que deseja e

satisfaça suas necessidades. No Brasil existe uma crença de que tudo é uma coisa só e que existe uma única solução possível. Para o mercado crescer nós precisamos atender os outros 95% de pessoas que ainda não são clientes das academias. Cada nova oferta, modelo de negócio e oportunidade faz com que alguns desses clientes venham. É claro que além do crescimento do mercado, haverá uma disputa. Sua academia passará a concorrer com modelos de negócios que oferecem coisas diferentes. Hoje por exemplo, o mix de oferta se resume apenas a musculação, ginástica, natação, lutas, variando apenas o preço. Esse modelo é o que chamamos de academia clube, que abrigam todas as modalidades e que terão de competir com essas novas redes que estão por vir. Na Europa existem academias que só oferecem aulas coletivas de extrema qualidade, animadas e que comportam até 200 pessoas por sessão. São 3 tipos de aulas, que acontecem ao mesmo tempo, 24h por dia, todos os dias. Isso faz uma grande diferença na sua oferta. Se você tem uma academia clube é muito provável que a forma de você estabelecer

estratégias, relações e a comunicação com seus clientes e com seu time de colaboradores tenha que mudar para se adaptar a essa nova realidade. Mesmo que o Brasil continue a ser o segundo maior mercado de academias no mundo não vamos ficar impunes. É claro que são realidades diferentes, impostos, dificuldades, mas é muito importante que você entenda que tem gente de olho em nós e no nosso mercado. Isso tem um lado bom, indicando que nosso mercado irá crescer. Poderemos atender 10% ou 15% da população, ao invés de 5%, porque teremos ofertas muito mais moduladas para atender diferentes necessidades. Por outro lado, você gestor, talvez precise modificar, especializar e melhorar ainda mais seu mix de serviços e produtos oferecidos. Meu convite é uma primeira reflexão sobre mudança: o que você irá mudar daquilo que você já faz? O que você deixará de fazer? Para fazer uma coisa nova precisamos deixar de fazer algo que já fazemos. O mundo está mudando, o Brasil está mudando, o mercado e o seu cliente está mudando. Você está mudando mesmo na direção certa?

LUIS PERDOMO Administrador, palestrante e especialista em Gestão de Empresas, Gestão Estratégica e Marketing. Formação em Administração, Marketing e Engenharia. Master Practitioner em PNL (Programação Neurolinguística) e Coaching, certificado pela International Coaching Community. Criador do Acade, modelo de Gestão para Academias.

www.revistaendorfina.com.br


IMAGEM: iStock.

TUDO QUE VOCÊ PRECISA EM UM SÓ LUGAR

0800 095 6991 www.acessoriofitness.com.br

Preço especial para revenda, consulte! (24) 3355-8168


ASES DA CORRIDA

CROSS

RUNNER

O TREINAMENTO FUNCIONAL DO CORREDOR

Conheça mais sobre o treinamento funcional para corredores, que traz inúmeros benefícios para saúde e para a preparação física do atleta Por: Alexandre Machado

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Q

52

ue ninguém mais duvida que o treinamento funcional auxiliar na peformance do corredor, isto já é um fato, entretanto há ainda aqueles que por cultura ou falta de informação não aderiram ao treinamento funcional como treinamento complementar para que a corrida possa ser mais eficiente e segura. Os beneficios não são poucos para os corredores que fazem o treinamento funcional, entre eles podemos destacar a menor incidência de lesões, otimização da performance e redução de tempo de recuperação pós-treino. Lembrando sempre que o treinamento funcional para nós corredores é um treinamento complementar e deve ajudar a corrida, otimizando-a, e não atrapalhá-la. Podemos listar outras vantagens, como: pode ser aplicado em qualquer lugar, como parques, academia, na rua, na praia, entre outros. Desenvolve e fortalece o movimento como um todo, treino extremamente motivador, pois foca em tarefas e não em exercícios isolados, e o treino é customizado ao corredor.

O treinamento funcional tem foco no movimento e não no músculo, e para isso utiliza-se de dois princípios: o da especificidade e o da transferência. O princípio da especificidade tem como foco trabalhar exercícios com maior semelhança ao esporte, no caso da corrida temos os educativos e tiros de velocidade. Já o da transferência tem como objetivo trabalhar exercícios que irão aprimorar a execução do gesto motor de forma não especifica, neste caso para a corrida temos: os exercícios de core e potência. Os exercícios tem objetivos distintos como aprimorar a mobilidade, estabilidade, coordenação, técnica, força e potência durante a corrida. São aplicados dentro do planejamento (macrociclo) do aluno/atleta de forma que possam aprimorar e não atrapalhar a performan-

O TREINAMENTO O treinamento funcional como o nome próprio já diz é para melhorar a função motora, no nosso caso a função motora da corrida. A corrida envolve basicamente três elementos chaves, sendo eles: força, corpo e solo (MACHADO, 2013). Em outras palavras a força faz com que o corpo se desloque sobre o solo.

Trabalhar com o treinamento funcional aplicado à corrida é a certeza de poder explorar a máxima resposta dos nossos alunos de forma eficiente e segura Fotos- Sergio Shibuya

www.revistaendorfina.com.br


ce do corredor. Nós da Metodologia VO2PRO utilizamos de três rotinas de exercícios que podem ser aplicadas em quatro fases do treinamento. As rotinas são denominadas de 3A, sendo cada A uma ação especifíca: aprender, aperfeiçoar e acelerar. Na sessão de treino os exercícios funcionais devem vir sempre após o aquecimento e antes do treino especifico de corrida. Dentro do planejamento eles devem ser alocados no programa como um todo e ser dada maior ênfase nas rotinas especificas para a fase de desenvolvimento do corredor. Exemplo: para um corredor inciante, a prioridade será em exercícios para generar estabilidade, mobilidade e aprender a correr.

Para um corredor avançado, a prioridade será em exercícios para otimizar a corrida, em outras palavras acelerar a mesma.

Os exercícios tem objetivos distintos como aprimorar a mobilidade, estabilidade, coordenação, técnica, força e potência durante a corrida

www.revistaendorfina.com.br

53


ASES DA CORRIDA PREVININDO LESÕES Grande parte dos corredores se lesionam por causas mecânicas. A falta de equilíbrio musucular e o desalinhamento muscular são indicativos de lesão em corredores e os exercícios funcionais propocionam um reequilíbrio e um alinhamento muscular durante a execução dos complexos de exercícios. Complexos de exercícios são grupos de exercícios executados sob uma ordem estratégica para o desenvolvimento da agilidade, força, mobilidade, velocidade, potência e equilíbrio.

Testado e aprovado

principais, sem dúvida, foram a melhora na postura e a correção de alguns erros biomecânicos, que provocavam dores ou lesões. A vantagem do treino é a especificidade: meu treinador trabalha nos movimentos que vamos utilizar na corrida.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Entendi a importância e a eficiência do treinamento funcional quando terminei o ano de 2013 sem lesões e com vários ganhos para a corrida. Foi o meu primeiro ano seguindo o método VO2PRO e senti a diferença nos treinos e nas provas. Os

54

www.revistaendorfina.com.br


Pronta para beber, ISO DRINK® é elaborada com proteína isolada do soro do leite (Whey Protein Isolate). Além de hidratar, é leve e de rápida absorção, bebida ideal para ser consumida no pós treino, auxiliando na busca da superação seja nas competições de longa ou curta duração.

BEBA GELADO

3 deliciosos sabores, com zero açúcar e isenta de lactose. Cruze a linha de chegada sem acabar com a sua dieta.

Não contém glúten. Sem adição de açúcares. Este não é um alimento com valor energético reduzido. Este produto não substitui uma alimentação equilibrada e seu consumo deve ser orientado por nutricionista ou médico. REG. M.S.: 4.9377.0085


Equipamentos e acessórios

Faça sua escolha para

treinar Aulas individuais ou coletivas, vivencie a experiência na academia que mais lhe agrada

Por Márcio Mecca

Fotos – Divulgação

[ Ano4 | Número30 ] 2014

H

56

á uma infinidade de academias por todo o Brasil, de norte a sul. É sabido que cada vez mais são investidos milhões de reais em infraestrutura para melhor atendimento para os diversos tipos de consumidores que buscam algum tipo de atividade física. Há aquele mais hardcore, que malha pesado, outro mais welness, mais evidente hoje em dia, que busca melhorar a qualidade de vida através do esporte, com praticidade, outro, ainda que frequenta academia para emagrecer e se conectar com pessoas, enfim, são vários tipos de clientes. Algumas academias buscam oferecer uma experiência de vida às pessoas, mais do que simplesmente oferecer serviços de musculação e esportes. Para cada tipo de consumidor, há também um tipo de academia que busca atender suas necessidades. Listamos aqui 3 tipos de academia diferentes, que oferecem serviços de acordo com seu público-alvo, incorporando e investindo em estrutura, equipamentos e acessórios voltados para seus clientes.

2009, oferece um serviço de qualidade para quem busca se exercitar sem burocracia e com praticidade. A proposta consiste em três diferenciais, sendo eles: a alta qualidade, a conveniência, e o preço reduzido. O primeiro se caracteriza pelos equipamentos de última geração, num mix de produtos nacionais e importados, além de um ambiente pensado para se obter uma experiência agradável. A conveniência dita é vista pelas 118 unidades espalhadas no Brasil, e pela adesão possível via internet. Os preços acessíveis são um atrativo, uma vez que possuem

smartfit

Para cada público, um tipo de academia O modelo da academia Smart Fit, introduzido pelo grupo Bio Ritmo em

www.revistaendorfina.com.br

planos a partir de R$49,90, sendo o de $69,90 um plano exclusivo. Se falarmos do perfil do cliente Smart fit, chegamos à conclusão que este é abrangente, sendo welness, fitness e hardcore ao mesmo tempo, dada a oferta de equipamentos e acessórios. “Nos últimos dois anos o investimento da rede supera a marca de R$100 milhões. Os clientes buscam praticidade e segurança. Por isso, a rede investe em equipamentos com estes requisitos”, é o que garante Edgar Corona, CEO do Grupo Bio Ritmo, detentor do modelo Smart Fit.


Outra academia, a Planet Sports, considerada um perfil highcost ou alto preço, foi criada em 1996 com objetivo de inovar a forma de praticar a atividade física, buscando a melhora de qualidade de vida. A ideia é proporcionar um ambiente agradável e aconchegante, para tornar a prática de esportes uma experiência mais prazerosa. Em suas unidades é possível encontrar esteiras com TV individual, sauna, sessões de hidroterapia, loja de artigos esportivos, cosméticos e vestuário, solarium para bronzeamento artificial com vista panorâmica da cidade, além da presença de um DJ na sala de musculação. De acordo com Marcello Guazzo, gestor da unidade Jardim Saúde, os clientes são exigentes e antenados. “Buscam infra-estrutura de primeira, bom atendimento, qualidade de vida, relacionamentos e resultados. Na unidade Jardim da Saúde atende-se mais famílias e Vila Mariana recebe um número maior de jovens, executivos, médicos, empresários”, afirma ele , que considera o atendimento próximo ao aluno, grande variedades de aulas e excelente infra-estrutura como diferencial. Sua carta de cliente chega a 3 mil nas duas unidades, e o perfil caracteriza-se, em sua maioria, pelo fitness e welness. Com investimento de 1 milhão de

“Nos últimos dois anos o investimento da rede [Smartfit] supera a marca de R$100 milhões”

reais em 100 novos equipamentos nos últimos dois anos, eles são provenientes exclusivamente do exterior, mais precisamente dos EUA e Itália. Possuem alta

tecnologia, são confortáveis e tem a preocupação com a estética que é moderna e contemporânea, como esteiras com internet, bicicletas com computador de bordo e que não enferrujam. Os acessórios são nacionais e voltados para o funcional, como o kettlebell e corda náutica. Os equipamentos, segundo Guazzo, ficam de 5 a 10 anos em uso. Mas geralmente a troca não é realizada de uma só vez, e praticamente todo ano chegam equipamentos novos. No terceiro caso, da Academia Centrarl Park, Harry Rosenberg, gestor e sócio, juntamente com Leonardo Passuello, da Gym Company, empresa responsável pela elaboração do

Planet Sports

www.revistaendorfina.com.br

57


Equipamentos e acessórios ocupam pouco espaço, predominam aqueles mais confortáveis e de alta duração, como esteiras, extensoras, adutoras, bicicletas, todas com tecnologia inteligente. Foram investidos mais de 1 milhão de reais, gastos em reformas, ambienta-

Central Park

[ Ano4 | Número30 ] 2014

plano e gestão da academia, ressalta que sua academia, localizada dentro de um condomínio no bairro dos Jardins, em São Paulo, oferece um atendimento personalizado. Este é um dos diferenciais propostos pela academia para obtenção de resultados mais significativos. Com atividades ao ar livre, como aulas de ginástica e treinamento funcional, além, claro, de exercícios indoor com os equipamentos de musculação e pilates, a Central Park foca no tratamento especial para seus 250 clientes, aproximadamente. Em sua maioria são moradores e hóspedes do flat, além do público da região, que busca um tratamento mais próximo e personalizado. O perfil destas pessoas que se exercitam é mais voltado ao welness. “O aluno é acompanhado durante a aula toda, diferente da maioria das academias, e cada professor atende no máximo 4 alunos por vez, garantindo a eficácia do treinamento”, afirma Rosenberg. Em sua gama de equipamentos, que

58

www.revistaendorfina.com.br

ção e instalação dos equipamentos e acessórios. O local ainda possui uma sala de 90m² para a prática de aulas coletivas, como dança, lutas, ginástica localizada, e aulas focadas para crianças e pessoas da terceira idade.


[ Ano4 | NĂşmero30 ] 2014

60

www.revistaendorfina.com.br


www.revistaendorfina.com.br

61


especial

Feliz Aniv

feliz qualidad

Em cinco anos, Revista Endorfina venceu as desconfianças e se

[ Ano4 | Número30 ] 2014

C

62

inco anos se passaram desde a edição ‘zero’, ou experimental, como preferirem, que trouxe Duda Yancovich como capa de uma revista, até então, ‘desconhecida’. A Endorfina nasceu para revolucionar um segmento ainda incipiente no Brasil: o bem-estar. Logo no primeiro ano, mostramos a nossa cara com capas de respeito, como Renata Fan, César Cielo, Fernanda Keller, dentre outras. Mas, ainda assim, o sentimento de desconfiança sobre ‘quem é essa revista?’ ‘O que eles abordam?’ permanecia evidente. Já, no segundo ano, resolvemos ampliar nosso campo de atuação, com participações esporádicas em algumas feiras e eventos. Mas, sempre, com capas de respaldo no âmbito esportivo. No entanto, a Endorfina convivia com a ‘estirpe’ de uma publicação exclusiva para frequentadores de academia. Era muito comum ter que ‘explicar’: “Não, não somos um veículo só de corrida, ou de suplementos. Temos várias editorias, como nutrição, beleza, moda, bem-estar, enfim...” Foi até o terceiro ano, quando o cenário, de fato, mudou. Vista como a revista ‘das feiras e eventos’, a Endorfina ganhou respeito e autoridade. Agora as pergun-

tas eram: ‘Como faço para ter essa revista?’, ‘onde compro?’, ‘tem na banca?’. Tal reconhecimento do público foi possível em função da presença constante nos principais eventos do segmento de bem-estar, como: Fitness Brasil, IHRSA, Brazil Sports Show, Meeting Nacional de Nutrição, Rio Sports Show, Expo Nutrition SP...

Made in ‘Brazil’ Identificada como referência em bem-estar e também por permitir a interface com a indústria, a Endorfina ga-

por Dentro Da fábrica: Saiba como funciona uma linha

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

o que Não pode Faltar duraNte a trilha? Nocaute:

atuação da abenutri auxiLia no crescimento do mercado de supLementos

Brasil 2014:

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

eNdorFiNa Fiscaliza: a copa eStá aí e ainDa há muito para fazer

Ano 3 | 13ª Edição

nocaute:

uFc rio

maior evento de mma do mundo está de voLta ao brasiL música:

O que toca na sua academia?

Longe do mar sou um cidadão infeLiz”

Família Gracie: o nome Do jiujitSu munDial

grael

Rio PRó suRF

mineirinho é o primeiro brasiLeiro campeão mundiaL de uma etapa de Wt

Tecnologia FiTness

O realismO virtual a serviçO dO espOrte

www.revistaendorfina.com.br

“GoSto De Dar eSpetáculo pra G


versário Por Diogo Patroni

de de vida

se tornou a ‘cara’ do bem-estar no Brasil De proDução

O UFC vOltOU – EntrEvista COm as FEras JOsé aldO E vitOr BElFOrt

brasil olímpico: Yane marques coloca o brasil no mapa do pentatlo moderno

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

Ano 3 | 14ª Edição

Ano 3 | 16ª Edição Ano 4 | Número 22 | 2012 ISSN 2238-7943

Preço sugerido: R$12,00

Bikes para todos os estilos

na moda:

Moda

na academia:

entre em forma para o verão

praia

Opções de maiôs e biquínis para arrasar nO verãO

entrevista:

EmanUEl, O vErdadEirO “rEi da praia”

Acontece fitness:

endorfina viaja até taiwan

Solange

aquáticos:

skimboard ou sonrisal?

Frazão

AventurA:

encare uma descida na cachoeira

Ano 4 | Número 23 | 2013 ISSN 2238-7943

Preço sugerido: R$12,00

Mercado MoviMentado: confira a cobertura das principais feiras do segMento de wellness

nA AcAdemiA:

academias com conceito sustentável

Beleza pura:

saiBa COmO COmBatEr a celulite

juliana e

fabiana

murer

larissa

da ginástiCa para a glória nO salto com vara

a despedida de um ciclo vitorioso

praticar saúde é uM direito de todos

nocaute:

entrevista coM a Musa do jiu jitsu, Kyra Gracie

FitneSS SenSual

&

Pole dance reduz calorias e tonifica os músculos

Duas roDas: cicloescalaDa: a peDalaDa como meio De transporte para o esporte De aventura

Conteúdo que acompanha o seu ritmo Ano 5 | Número 29 | 2014 ISSN 2238-7943

Preço sugerido: R$15,00

eNtrevista:

Nadja haddad: conheça o treino Da muSa Da banD

Galera”

Aquáticos:

panorama dos saltos ornamentais brasileiro suplementos:

Uso responsável ajUda no combate à depressão

alison conte: rei Da praia tem nova Dupla após anos De sucesso com emanuel

é ouro!

ol hanDeb o e os feminin Do título frutos ial munD

david

luiz

“jogar a copa do mundo será a realização de um sonho que tinha desde pequeno, quando comecei a jogar futebol. vou fazer de tudo para honrar meus pais, família e todo owww.revistaendorfina.com.br povo brasileiro”

ESPECIAL COPA DO MUNDO FIFA 2014

63


especial Coma bem: Saiba Como ConServar o bronzeado do verão

AventurA: GuiA de como e o onde curtir os melhores picos no inverno

Conteúdo que acompanha o seu ritmo Ano 4 | Número 25 | 2013 ISSN 2238-7943

Preço sugerido: R$12,00

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

Acontece:

Ano 3 | 17ª Edição

AcompAnhe o melhor dA 23ª Fitness BrAsil intrernAcionAl

Murilo

Aquáticos:

AdriAno de souzA: Ícone dA novA GerAção do surF

endres:

BrAsil olímpico:

1 bilhão

no e-commerce: conheça a história da

“Hoje eu Sei daS minHaS reSponSabilidadeS”

álvAro José: A voz dAs olimpÍAdAs

netshoes

thiago pereira

“QuAntos AtletAs não perdemos por não ter umA piscinA ou um tAtAme decente?”

aquáticos:

stand up padle

é a moda do verão

energético, queima calórica e que aperfeiçoam o seu treino de musculação... novidades para donos de academias, custo-benefício. Tudo você encontra na Endorfina. Por ser muito mais do que um veículo de 144 páginas, a Endorfina permite e busca essa comunicação com o trade, uma vez que acreditamos ser o elo fundamental para o crescimento de todas as partes. “ Sabemos que esse parceiro dá resultado porque está fortemente ativo no seu meio. Presente nos principais eventos do setor, atende com excelência, vende com responsabilidade e coerência, orienta com imparcialidade, define seu editorial com técnica e bom nível, bons colunistas e posiciona seus anunciantes com profis-

Brasil olímpico:

daiane dos santos estreia nova seção na moda:

Fight wear: O estilO dOs lutadOres

entrevista:

Hugo Hoyama, vida em prol do TêniS de meSa

nhou asas. Isso mesmo, voou quase 30 mil quilômetros e foi parar em Taiwan. Lá, representamos o Brasil em uma conferência de mídia sobre a Taispo (Taipei International Sports), a 3ª maior feira do mundo e a maior da Ásia. Além disso, Taiwan é o ‘berço’ da tecnologia e dos equipamentos de fitness. Os detalhes desta ‘aventura’ estão na matéria: “Taiwan: Referência mundial em fitness e tecnologia” na edição 22. Se a Endorfina ficou caracterizada por ser a cara do Brasil, nada mais justo do que apoiar os esportes olímpicos e acompanhar os preparativos para a Copa do Mundo. Por isso, criamos as seções:

64

‘Brasil Olímpico e Brasil 2014’. Atletas do quilate de Arthur Zanetti, Sheilla Castro, Tiago Camilo, Leandro Guilheiro, Fabiana Murer, Juliana e Larissa, Thiago Pereira, André Brasil e Robert Scheidt já estiveram em nossas páginas. Além de nomes do segmento de lutas (José Aldo, Junior Cigano, Minotauro, Anderson Silva e Paula Sack), Aventura (Karina Oliani) e até automobilismo (Bia Figueiredo).

A voz do mercado Os últimos lançamentos de suplementos alimentares, ou de máquinas revolucionárias que prometem o algo gasto

www.revistaendorfina.com.br

“ Sabemos que esse parceiro dá resultado porque está fortemente ativo no seu meio. Presente nos principais eventos do setor, atende com excelência, vende com responsabilidade e coerência


www.revistaendorfina.com.br

65


especial À moda dos pés - os lançamEntos da couromoda 2011

Os: lAnçAMentOs e nOvidAdes dA 14ªihrsA fitness BrAsil Hasta la vista: lançamentos do arnold ClassiC

Conteúdo que acompanha o seu ritmo Ano 2 | 11ª Edição

dEstaquE:

u ritmo Ano 4 | Número 26 | 2013 ISSN 2238-7943

Preço sugerido: R$12,00

(AquáticOs)

cOnheçA O

supriver EntrEvista:

falcão conhEça a trajEtória do rEi do futsal

avEntura:

sack

rte cOMpletO que AgregA tOdO MundO. nçAs entre MAsculinO Ou feMininO”

Team a Bandeira do mma

verão

Leve e nutritivo

Encontre o seu

hora dE EscolhEr

você conhEcE o

parkour?

Relógios que podem melhorar o seu treino

com EntrEvista Exclusiva íconE do mma

minotauro

sionalismo e estratégia. A Equipe Terrazul só tem a agradecer a parceria” - Ivan Cabone, Terrazul “A Endorfina apareceu no lugar e hora certa. O Fitness crescia depois da crise de 2008, e o Brasil comecava a despontar no cenario mundial como potência em número de academias. O brasileiro mergulhava de cabeça no universo do bem-estar a procura de um editorial moderno, informativo e acessivel, exatamente como a Movement enxerga a Endorfina”. - Marco Corradi, Movement “Esta é uma revista que sempre nos acrescenta informação, com uma personalidade editorial e um conteúdo de grande relevância e motivação, tanto para quem quer se inteirar no mundo dos esportes, como um incentivo para as pessoas que querem iniciar a prática de uma atividade. Como parceiro e leitor, parabenizo toda a equipe pelo excelente trabalho realizado” - Filipe Bragança , Integralmédica

66

Conteúdo que acompanha o seu ritmo

nogueira:

saiba como tratar os fios após o

fABiOlA dA silvA: rAinhA dO pAtins inline expediçãO AMéricA dO sul: viAje cOM A endOrfinA

Reinaldo Colucci fala sobre os desafios do triathlon

brasilEiro

Confira uma análise ComPleta do Fenômeno UsAin Bolt

Bia

Figueiredo “ComeCei a ganHar um monte de Corridas e nada aConteCeu”

Nestes cinco anos, a Endorfina se tornou uma revista de multifaces que agrada ao novo e ao velho, ao leitor comum e ao empresário, ao sedentário e ao praticante de atividade físicas, ao fã e ao atleta “A Endorfina tem sido um importante veículo de comunicação para a New Millen, por ser uma revista que aborda temas sobre os mais variados assuntos. Há uma sinergia direta com a nossa marca, que sempre buscou levar informação à maior quantidade possível de modalidades esportivas, tão importantes quanto o fisiculturismo, responsável por trazer a cultura de consumo de suplementos ao Brasil” - Alexandre Nasser, New Millen “Nós já eramos assinantes da Endorfina e adorávamos ler a revista, pois as matérias apresentam as novidades mais

www.revistaendorfina.com.br

quentes do mercado de fitness. A Endorfina foi o melhor meio que encontramos para divulgarmos a nossa marca. Somos parceiros novatos, mas estamos muito satisfeitos.” - Rúbya Cristina, Scorpions Fitness Nestes cinco anos, a Endorfina se tornou uma revista de multifaces que agrada ao novo e ao velho, ao leitor comum e ao empresário, ao sedentário e ao praticante de atividade físicas, ao fã e ao atleta. Que venham outros 5, 10, 15, 20...50, obrigado a todos que fizeram e fazem parte desta história. Parabéns!!!


Brasil

Ano 4 | Número 24 | 2013 ISSN 2238-7943

Preço sugerido: R$12,00

revist A

oFiciA l Acontece:

endorfina traz tudo o que vai rolar na 23ª Fitness BrAsil BrAsil olímpico:

AlAn Fonteles: o Homem que desBanCou osCar Pistorius

www.revistaendorfina.com.br

67


Entrevista

68

www.revistaendorfina.com.br


Por Felipe Araújo Fotos - K. Chaddoud

andré

brasil

D

ono de sete medalhas de ouro paraolímpicas e outras três de prata, André Brasil é um nome consagrado da natação brasileira. Os resultados em si, no entanto, não são suficientes para que o nadador seja realizado. Com a próxima edição dos Jogos Olímpicos marcados para serem realizados no Rio de Janeiro, em 2016, o nadador do Esporte Clube Pinheiros prefere ressaltar as deficiências que o país apresenta no esporte com a esperança de que gerações futuras possam usufruir de melhor estrutura para se tornarem verdadeiros campeões. Fã, ídolo, mito? Nada disso, o multicampeão André Brasil dispensa qualquer desses adjetivos para ser considerado ‘simplesmente’ uma referência. Aos 30

anos e com outras nove conquistas mundiais, duas de prata e duas de bronze na bagagem, André segue na luta pela igualdade entre os seres humanos, já que somos todos iguais. Em conversa exclusiva com a Revista Endorfina, o atleta deixa bem claro seu pensamento e ainda fala sobre suas experiências de vida. Acompanhe.

www.revistaendorfina.com.br

69


Entrevista

foi o momento que realmente tive que me decidir. Ou continuava para tentar algo diferente ou voltava minha visão para o lado profissional e, assim, como todo trabalhador buscar minha formação para começar outra atividade. E foi aí que surgiu o esporte paraolímpico na minha vida, em 2004. Revista Endorfina: Atualmente já pode ser considerado um atleta de ponta por todas conquistas que obteve. Quais as dificuldades que superou para chegar onde está hoje?

[ Ano4 | Número29 ] 2014

Revista Endorfina: Quando foi que iniciou na natação e a partir de que momento decidiu levar o esporte como profissão? André Brasil: A natação começou muito cedo na minha vida. Com três meses de idade, após o diagnóstico da paralisia infantil, por indicação do médico, já comecei a nadar. Daí, não parei mais. Desde que me entendo por gente estou nesse meio, comecei a competir também desde novinho com pessoas sem deficiência. Até que em 1992 ocorreu um fato importante. Foi a primeira Olimpíada da qual eu me lembro de ter assistido. Foi a primeira medalha do Gustavo Borges, tão contestada, que ele tocou na placa e o placar não funcionou aí apareceu que ele ficou em 8º, enfim, senti como se fosse algo meu. Depois revogaram o resultado e ele voltou a ter a medalha de prata. Dali a doença foi aparecendo, começou a se tornar grande, aos poucos foi meio que se perdendo na medida em que eu ia crescendo, tomando corpo de homem, já que enquanto jovem a deficiência acabava não aparecendo tanto quanto na medida depois que fui envelhecendo. Quando comecei a faculdade, em 2002,

70

www.revistaendorfina.com.br

André Brasil: Vou mudar atleta de ponta para atleta referência. Não gosto muito disso e nem da palavra ídolo. Já que pelos meus resultados, pessoas com ou sem deficiência acabam se espelhando no que a gente busca. Uma criança aparentemente normal olha para um atleta e tem aquilo como exemplo. As dificuldades existem até hoje. Estamos falando de um país que ainda peca um pouco na questão midiática. A imprensa é fugaz em alguns momentos porque o atleta fica escondido durante três anos e no ano da Olimpíada muita gente cobra resultados desse atleta. Muitas vezes a pressão é tão grande que acaba prejudicando todo um trabalho. Que as crianças possam entender no futuro que aquele assento para deficiente ou para idoso é prioritário. Isso é algo cultural. Não precisaria desses assentos se conscientemente as pessoas tivessem essa ideia. No Brasil nós não temos essa civilidade. Na última Olimpíada, em Londres, presenciei que era praxe as pessoas levantarem para dar acesso ao deficiente. A referência que eu cito não é pelos resultados em si que trago, mas sim tentar mudar um pouco o ideal que temos no nosso país. Aí eu digo, quem sou eu para agradar a todos? Mas se puder plantar uma semente que brotar na cabeça de uma, duas ou três pessoas, já acredito que vou conseguir ter essa semente espalhada.


Entrevista Revista Endorfina: O que a natação representa na sua vida? André Brasil: Resumo em uma única palavra: transformação. Foi com ela que aprendi a andar, que realizei alguns sonhos da minha vida e é com ela que sou instrumento transformador.

der certo, comemorar uma medalha com a gente, aprender um significado diferente da vida e poder sorrir. 2016 vem para coroar um trabalho que já vem há doze anos. Será para consagrar todo esse esforço. Não vai ter prêmio maior. Não vou brigar por uma medalha, eu quero ganhar a medalha.

Revista Endorfina: Você é um atleta paraolímpico, mas compete também com os andantes. Senti muita diferença? Muda muito sua preparação, dependendo da competição? André Brasil: Até 2004 sempre nadei com atletas sem deficiência. Para minha formação isso foi muito bacana. No nosso ambiente de trabalho, em uma piscina, todos estão ali de sunga, de maiô, para disputar a primeira, segunda e terceira posição. E o grupo do qual eu fiz parte me ensinou muito e me fez amadurecer. Meus adversários não queriam saber se eu tinha a perna menor ou maior. Eles queriam é tocar na minha frente no fim da prova. Isso foi determinante. Isso fez com que eu pensasse de uma forma diferente e que a gente se coloca para baixo por muito pouco, enquanto poderia ver o lado bacana das coisas.

Revista Endorfina: Das medalhas que conquistou, consegue distinguir uma que tenha algum significado especial para você por algum motivo? André Brasil: A primeira foi algo inesquecível na minha vida. Em Pequim, em 2008, estavam minha mãe e minha tia representando minha família, foi o melhor prêmio que poderia ter dado em retribuição não só pela educação, mas a minha formação dentro dessa família. Que mostraram que desde pequeno, que eu não tinha nada de diferente dos outros. Levava esporro na hora que precisava, surra quando mereci e isso foi importante. Outra foi em 2012. Meus pais estavam separados há algum tempo e não se falavam de forma alguma. Sorrateiramente dei um presente não só para mim, mas para os dois também. Foi a única medalha que chorei no pódio. Nos 200m livre, pude ver os dois abraçados na arquibancada e não importa o que havia acontecido antes ou depois. Pouca gente

[ Ano4 | Número29 ] 2014

Revista Endorfina: A época é de Copa do Mundo, mas vocês já estão de olho é nas Olimpíadas. Já faz um trabalho voltado para essa competição de 2016? André Brasil: Acabou uma Olimpíada, a gente já começa a pensar na outra. O trabalho já começa nas férias, para descansar corpo e mente, e os quatro anos até o próximo evento começa a ser montado para que ano a ano a gente chegue possivelmente no melhor da forma para realizar o melhor trabalho.

72

Revista Endorfina: Por ser ‘em casa’, no Rio de Janeiro, acha que aumenta sua responsabilidade? Como pretende lhe dar com isso? André Brasil: Quero ver o lado positivo. Como vai ser na minha casa, já que sou carioca, que as pessoas possam estar presentes. É até um convite para ir lá, se tudo

www.revistaendorfina.com.br

entendeu porque chorei, mas me trouxe um sentimento diferenciado. Revista Endorfina: Tem ou já teve algum tipo de problema ou preconceito por conta da sua deficiência? Como costuma encarar esse tipo de situação, que, infelizmente, sabemos que ainda existe? André Brasil: Basta nascer para a questão do preconceito, de discriminar algo, é particular de cada um. Quando a gente critica algo ou fala sobre a roupa de alguém ou quando julgamos alguém, a gente já acaba criando esse algo preconceituoso. O ser humano é extremamente egoísta. Qual a diferença entre os advogados? Quer dizer, então, que um advogado com deficiência seria um ‘paradvogado’? É exatamente esse tipo de coisa que a gente cria. São denominações que nós atletas brasileiros estamos lutando para mudar um pouco isso. Porque dizer paranatação? É tudo igual, só que em um momento está nadando o Michel Phelps e em outro o André Brasil, o Clodoaldo Silva ou o Daniel Dias. É igual. Revista Endorfina: Você compete em diversos estilos e distâncias variadas, e tem resultados muito


Entrevista bons. Geralmente os nadadores são bons em um ou dois estilos, no máximo. Como explica essa habilidade? André Brasil: Nosso país está engatinhando, começando a querer ficar de pé no esporte. Então, para se conseguir algo, infelizmente, a gente precisa dos resultados. A gente só consegue convocação com medalha de ouro. Por isso que o brasileiro só quer aquilo. Prata ou bronze não vale. O investimento prevê o resultado, se hoje a gente trabalha dessa forma, eu não preciso provar mais nada nem para mim mesmo, então para que eu tenho que me desgastar? Não tenho mais a idade que comecei. Já tenho 30 anos. Eu aprendi que tenho que investir em mim mesmo para dar resultados.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Revista Endorfina: De uma maneira geral, como vê o esporte paraolímpico brasileiro em comparação com outros países?

André Brasil: Acho que já começa de uma forma errada. Infelizmente somos o país do futebol. Envolve muitas coisas. Educação e saúde, por exemplo. O esporte tem que se tornar competitivo lá na escola. A criança precisa ter acesso a todos

74

www.revistaendorfina.com.br

os esportes, inclusive aos menos conhecidos como esgrima. Será que realmente é questão de investimento ou é o querer fazer? Isso se estende a todos, não só dos políticos. Parte muito mais de cada um do que esperar a coisa acontecer.


Profissionais do esporte ou saúde: conheça o modelo de negócio feito para você. 30% OFF

Compre suplementos com até 30% de desconto

MAIS DE 160 MARCAS COM GANHO DE ATÉ 30% Ganhe dinheiro lucrando com a revenda de suplementos

O CorpoPerfeito Direct oferece todas as principais marcas nacionais e importadas.

E MAIS!

Cadastre-se no site do CorpoPerfeito Direct e torne-se um consultor!

Revenda para seus clientes e alunos com preço de

LOJA ONLINE COMPLETA E PERSONALIZADA GRÁTIS Venda para clientes de todo o Brasil pela loja online, com segurança total, em até 10 vezes sem juros no cartão. FORMAÇÃO DE EQUIPES Indique seus colegas para formar equipe e ganhe comissão sobre todas as vendas realizadas.

SAIBA MAIS EM NOSSO SITE: www.corpoperfeitodirect.com.br

75


brasil olímpico

jogos Por Vanessa Dini

sul-americanos Com 109 medalhas de ouro, brasileiros fazem bonito e lideram o quadro de medalhas dos Jogos Sul-Americanos do Chile

O

Campeonato Sul-Americano 2014, realizado em Santiago, no Chile, teve amplo domínio dos atletas brasileiros, que deixaram o país no topo do quadro de medalhas pela primeira vez em solo estrangeiro. O Sul-Americano faz parte do Ciclo Olímpico, série preparatória para a Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016. A delegação brasileira levou 481 atletas ao Chile, entre promessas do esporte e figuras consagradas em 41 modalidades. Ao final de treze dias de competições, o Brasil conquistou 255 medalhas – 109 de ouro, 68 de prata e 78 de bronze. Houve uma ampla vantagem para a Colômbia, segundo país na classificação geral, com 166 medalhas.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Destaques

76

Foram 37 medalhas na natação, 18 vezes no lugar mais alto do pódio, com destaque para Thiago Pereira, que levou o ouro nos 200 e 400 metros medley e no revezamento 4x200 metros livre. Já no judô, outro esporte em que o Brasil sempre aparece bem, somaram-se 14 medalhas, sendo cinco de ouro, duas de prata e sete de bronze, com destaque para

www.revistaendorfina.com.br


Fotos - MVP Sports e Satiro SodrĂŠ

A delegação brasileira levou 481 atletas ao Chile, entre promessas do esporte e figuras consagradas em 41 modalidades

sul-am chile www.revistaendorfina.com.br

77


brasil olímpico Claudirene Cezar e David Moura. Natália Falavigna, do taekwondo, disputou sua primeira competição internacional depois de um ano afastada por lesão e trouxe a prata para o Brasil. “Estou feliz com o resultado, mas ainda quero mais. Quero aproveitar esse ano pra ganhar ritmo e pontos no ranking olímpico, meu objetivo é me classificar para 2016”. A ginástica artística ficou com sete ouros, cinco pratas e três bronzes. Ouro para Arthur Zanetti, nas argolas, Sérgio Sasaki, no salto e na barra fixa, Jade Barbosa, no individual geral e no salto e Daniele Hypolito, no solo. A equipe feminina ainda levou a melhor na prova coletiva.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

A equipe do levantamento de peso também brilhou no SulAmericano, com uma medalha de ouro e recorde da competição, de Fernando Reis

78

ral, no hipismo, Renzo Agresta e Karina Lakerbai, no sabre, Robson Conceição, no boxe, e Hugo Parisi e César Castro, nos saltos ornamentais.

Olímpicos. Além do resultado individual, o atleta também levou o ouro por equipes e equipes mistas.

Recorde no levantamento de peso e jovem surpresa no tiro

Nos esportes coletivos, ouro tanto no handebol feminino como no masculino, que conquistou vaga para o Pan-Americano de Toronto, em 2015. Também foram ouro as duplas Alison e Bruno Schmidt e Talita e Taiana, do vôlei de praia e a seleção de futsal masculino, com 100% de aproveitamento. Fabiana Dara, capitã da seleção feminina de handebol, disse que a equipe teve uma apresentação abaixo do esperado, pelo pouco tempo de treinamentos, mas ficou muito feliz com a nova conquista. “O handebol está vivendo um momento especial desde o título mundial no fim do ano passado”. Talita Antunes também comemorou: “Participar de um evento como esse, que tem cara de Olimpíada, é sempre especial. Passamos o ano rodando o Circuito Mundial defendendo o Brasil, mas aqui o clima é diferente. São vários esportes, e você se sente parte de um time especial”.

A equipe do levantamento de peso também brilhou no Sul-Americano, com uma medalha de ouro e recorde da competição, de Fernando Reis, e três medalhas de prata, de Monique Araújo e dos irmãos Marco e Mateus Machado. “Foi muito bom quebrar o recorde Sul-Americano no arranco, arremesso e total. Estamos no caminho certo, eu e meu técnico, o cubano Luis López, temos tudo traçado até a Olimpíada. O próximo passo é o Campeonato Mundial, em novembro, no Cazaquistão”, conta Fernando. Outra boa surpresa da competição no Chile foi o ouro do jovem Marcus Vinícius de Almeida, de 16 anos, no tiro com arco. Medalha acompanhada de recorde Sul-Americano nas distâncias 70, 50 e 30 metros. Marcus já aparece como grande promessa para os Jogos

O atletismo também conquistou ótimos resultados, com 41 pódios. Foram 14 medalhas de ouro, 13 de prata e 14 de bronze. Brilharam os atletas do revezamento feminino e masculino 4x400, Kleberson Davide, nos 800 metros, Aldemir da Silva Junior, nos 200 metros, Luiz Alberto Araújo, no decatlo, Felipe Nascimento e Yane Marques, no pentatlo, Keila Costa, no salto em distância e salto triplo, Jonathan da Silva, também no salto triplo, Augusto Dutra e Fabiana Murer, no salto com vara. Outros destaques dourados ficaram por conta de Gustavo Tsuboi e Jessica Yamada, no tênis de mesa, Fabiana Beltrame, no remo single skiff peso livre, Paula Gonçalves, no tênis, Felipe Ama-

www.revistaendorfina.com.br

Brilho coletivo


brasil olímpico

Renato Rezende e a evolução do BMX brasileiro Confira agora uma entrevista exclusiva com o primeiro brasileiro do ciclismo BMX a conquistar uma medalha de ouro em Jogos Sul-Americanos. Renato Rezende é mais uma esperança de medalha olímpica em 2016. Como foi conquistar o primeiro ouro do BMX em Jogos Sul-Americanos? R: Representar o meu país é uma honra, uma emoção enorme, e conseguir a medalha de ouro foi uma sensação indescritível! O BMX vem ganhando muita força no Brasil, e ver a modalidade se destacando neste início de Ciclo Olímpico é a realização de um sonho. Fico feliz por representar uma nação enorme de ciclistas brasileiros que sempre sonharam com o reconhecimento de nosso esporte.

O Brasil conta com poucas pistas próprias para a prática de BMX, você acha que isso atrapalha na preparação dos atletas? Onde você treina? R: Este ano fiz a pré-temporada no Brasil, alternando entre as cidades de Poços de Caldas/MG e Paulínia/SP, e agora treino em San Diego, nos Estados Unidos. A falta de pistas no Brasil é um fato, mas as perspectivas são muito boas. Já estão adiantadas as obras em Londrina/PR,

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Quais as próximas competições preparatórias para a Olimpíada de 2016? R: Neste ano competirei pela primeira vez no USA BMX, o campeonato norte-americano da modalidade, que é uma das

competições mais acirradas do mundo. Também tem a SX World Cup, disputada em 5 etapas e o World Championship, disputado em etapa única. Além disso, representarei a seleção brasileira em várias competições continentais e disputarei o Campeonato Brasileiro.

80

www.revistaendorfina.com.br

onde será construída a primeira pista de BMX Supercross, e no Rio de Janeiro também já estão construindo o Centro Olímpico de BMX, em Deodoro. Até lá, continuo treinando nos Estados Unidos. Qual a sua expectativa para as provas Olímpicas, no Rio? R: No ano passado terminei na 11ª colocação no ranking mundial, empatado com o 10º colocado. Também fiz algumas boas corridas internacionais, com importantes resultados na SX World Cup e a conquista da prata em um evento internacional muito bem conceituado - o Red Bull R. Evolution. Tenho muita esperança de chegar aos Jogos Olímpicos com chances reais de brigar por uma medalha. Dou o máximo de mim nos treinos e recebo um apoio enorme do Ministério do Esporte, da Confederação Brasileira e de meus patrocinadores. Espero poder retribuir a confiança com um excelente resultado.


Inovando conceitos

AdIpômetro CientífiCo Digital inteligente Aprove seu Adip Ite ôme usado va tro ÚnIco IntelIgente com funções progrAmáveIs. le R$ 00 1. Calcula média ou mediana de três dobras cutâneas. na troca por 2. leitura direta e fácil com dígitos grandes. um dgi 3. BiP sonoro avisa que o valor da dobra está congelado no visor.

300,

mais preciso e muito mais fácil aplicação. imagens meramente ilustrativas

Disponível em 2 cores: Branco e Cinza

4. Incrível: Calcula automaticamente o tempo para estabilização da dobra cutânea, observando o movimento das hastes sobre a dobra e congelando o valor no visor.

PHisiCal test 8 software de avaliação física e Prescrição

aDiPÔMetro PriMe neo ii

Kit Profissional De avaliação físiCa

Ligue: (11) 3271-6394 / 3207-6266 rua teodureto souto, 348 - Cambuci - CeP 01539-000 - são Paulo-sP

estaDiÔMetro PriMe Profissioanl

www.primemed.com.br


brasil 2014 Fotos – Elio Sales

Atenção senhores torcedores com

destino ao Por: Márcio Mecca

Não é somente de estádios que se faz a Copa do Mundo. Como estão os principais aeroportos do Brasil para receber os turistas?

[ Ano4 | Número30 ] 2014

D

82

aqui a poucos dias os campos dos novos estádios e arenas do Brasil estarão lotados para acompanhar o evento mais esperado desde 1950. Milhares de pessoas do mundo todo virão ao país da bola acompanhar as chuteiras de cada uma de suas pátrias, disputando o torneio máximo do futebol mundial, a Copa do Mundo. Estas se juntam aos milhões de brasileiros e delegações das seleções que também irão se deslocar pela imensidão do Brasil, por terra, mas principalmente pelos ares, visitando as 12 sedes do megaevento da FIFA. Como será que está a situação aeroportuária para poder realizar um trabalho eficiente durante os 30 dias de competição? As projeções do Ministério do Turismo apontam um número aproximado de 600 mil estrangeiros que aterrissarão em terras brasileiras. Há, ainda, mais de 3 milhões de cidadãos locais irão movimentar os aeroportos pelo Brasil, de acordo o órgão federal. Segundo a ANAC(Agência Nacional de Aviação Civil), durante a Copa do Mundo foram ofertados 11,5 milhões de assentos, sendo que 12% correspondem ao número de passagens vendidas até então. Para oferecer serviço de qualidade aos turistas

e fanáticos, foram investidos 5,6 bilhões em obras de infraestrutura para os aeroportos diretamente ligados as 12 sedes do mundial. São muitos números, muitas cifras e muito trabalho a ser feito para garantir o sucesso das operações aéreas, de chegada e saída. Problemas com atrasos nas obras já foram verificados, como,

por exemplo, no aeroporto de Fortaleza - local que recebeu R$311 milhões para obras em 2010, e que ainda conta com pouco mais de 25% de obras realizadas - assim como quedas de energia recentes no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. Fica, portanto, diante dos fatos, a dúvida se realmente será possível acomodar e transportar as pessoas, sem maiores problemas. Moreira Franco, ministro-chefe da Aviação Civil, afirmou durante audiência pública na Comissão de Esporte da Câmara dos Deputados, no início de abril, que não haveria problemas na questão do transporte aéreo e desloca-

Aeroporto Internacional de Brasilia_2 - Fotos Elio SalesSAC

www.revistaendorfina.com.br


Aeroporto Internacional do Galeão-RJ

Corda p/ Treinamento Força

Cone

Tatami

“Todo o nosso é esforço é para garantir segurança, tranqüilidade e conforto. Temos certeza que essa infraestrutura vai sustentar. Não é o mundo que vem para a Copa do Mundo no Brasil, é o Brasil que vai para todo o mundo”

Barra c/ elástico

Balance Pod

Luva Bate Saco

mento das pessoas. As obras que estão Dumbell Sand bag /15kg/20kg/ fora do prazo já foram contempladas 25kg/30kg. com estruturas alternativas para receber os torcedores que estarão viajando. Há, agora, no entanto, preocupação real com o Rio de Janeiro, devido à queda de energia de cerca de 1h no dia 18 de abril, que afetou diversos voos. “O único Balance Dome risco atual é o Galeão. Já tivemos falta Power Band de energia várias vezes, por pouco tempo, mas muito prejudiciais”, afirmou o ministro, em entrevista promovida via Twitter e pela Veja.com. Quanto à situação do aeroporto de INTENSIDADE MÉDIA cod. EP029 Fortaleza, Franco concorda que é graINTENSIDADE FORTE cod. EP029E INTENSIDADE EXTRA FORTE cod. EP029 ve, porém a Infraero terá que resolver. Halter Cromado Como medida provisória da reforma dos terminais, para atender aos serviços Faixa elástica durante os meses de junho e julho, foram importadas estruturas temporárias. “Para a Copa, bem, contratamos terminal Kit composto p/ 01 par provisório padrão internacional, como os de 01 até 10 kg usados em Londres e na África do Sul”, + estante explica o ministro em entrevista de uma Tudo que você precisa em um único lugar rede social com internautas, em abril. NOVO SITE Mesmo com os ocorridos, O presidente Compre, e pague pelo Pagseguro até 18 X da Infraero, Gustavo do Vale, também (juros calculado na hora da compra)todos demonstra tranquilidade quanto os cartões, entrega em todo Brasil. www.SLADEFITNESS.COM.BR 11 4413-5722 4413-4996 www.revistaendorfina.com.br 4412-5621 4412-6358 83


brasil 2014

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Moreira Franco - Ministro da Secretaria de Aviação Civil

84

à infraestrutura aeroportuária brasileira para o mundial de futebol, ainda mais depois do feriado da páscoa, em que cerca de 3,5 milhões de pessoas passaram pelos aeroportos brasileiros. O sucesso das operações do feriado causa otimismo em relação à demanda esperada no próximo mês. “As operações nos aeroportos da rede Infraero durante o feriado da Semana Santa é mais uma demonstração de que estamos preparados para receber grandes eventos, a exemplo do que vimos na Jornada Mundial da Juventude, Rio+20 e datas como o Carnaval e Réveillon”, analisa ele. De 17 a 22 de abril foram aproximadamente 1,08 milhões de passageiros que transitaram pelos aeroportos da iniciativa privada, que contam com Guarulhos, Viracopos, ambos no estado de São Paulo, e Brasília. Outros 2,4 milhões somam-se a este montante, que movimentaram os outros 63 aeroportos sob responsabilidade da Infraero. Como forma de organização e planejamento para a Copa do Mundo, foi lançado pela SAC( Secretaria de Aviação Civil), em 15 de abril, o Plano Operacional para a Copa do Mundo. São ações coordenadas para garantir a eficácia dos serviços e fluidez nas operações pré e pós jogos da competição. De acordo com a SAC, são 90 os aeroportos que integram o plano

Só o número de funcionários de órgãos públicos aumentou mais de 200% para atender à demanda esperada entre os meses de junho e julho de ação, sendo 43 monitorados, 29 coordenados, que compõe os de maior movimento, e mais 16 bases aéreas. Durante o período de 6 de junho até 20 de julho as coordenadas destes 29 prioritários serão executadas pela Anac(Agência Nacional de Aviação Civil) e CGNA(Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea, órgão da Força Aérea), o que quer dizer que eles que darão permissão de pouso e decolagem a fim de facilitar a logística e evitar congestionamentos. É bom ressaltar que as medidas tomadas são voltadas à aviação comercial, e que os voos regulares não serão afetados. “Nunca houve um planejamento desta magnitude e

www.revistaendorfina.com.br

nunca fomos tão integrados como agora”, afirma Paulo Henrique Possas, diretor de gestão aeroportuária da SAC. Vale ressaltar que durante este período de competição, o contingente de funcionários irá aumentar. Só o número de funcionários de órgãos públicos aumentou mais de 200% para atender à demanda esperada entre os meses de junho e julho. Serão mais de 2000 funcionários disponíveis, divididos nas diversas áreas de atuação relacionadas aos aeroportos, como alfândega e tributação, controle migratório, segurança, organização médica em eventos, vacina, procedimentos relacionados à vigilância sanitária, etc. Para auxiliar o transporte e logística das delegações oficiais das seleções que irão competir, foi feito um mapeamento de onde cada uma delas estará instalada. Serão utilizadas áreas restritas dos aeroportos, de modo que garanta a tranquilidade e o fluxo de cada seleção, sem tumulto. Pensando agora nos torcedores e passageiros, dentro de cada aeroporto da Copa terão a Fun Zone, uma área que conta com ar-condicionado, serviço de wi-fi, restaurante, sofás, televisão, entre outros serviços para acomodar e garantir o conforto e bem-estar das pessoas. Estes espaços estarão disponíveis durante os 45 dias de evento.


[ Ano4 | NĂşmero30 ] 2014

86

www.revistaendorfina.com.br


duas rodas

Sonho Por Paulo Gervino

de menino Fotos – Marcos Marini e Emy Sato

[ Ano4 | Número30 ] 2014

A eterna paixão pelas duas rodas fez com que a história de José Wilton `DRAC` se confundisse com o surgimento do bmx no Brasil

88

Q

uem diria que o hobby de um menino mudaria (e muito) a história da bicicleta no Brasil? José Wilton Oliveira, 43 anos, é mais conhecido por seu apelido: Drac. Este, por sua vez, também é o nome da loja que desde 1997 possibilita que muitos realizem um sonho de menino: andar de bicicleta. Você já ouviu falar de bmx? E de bicicross? José sempre foi apaixonado por

bicicletas e pela diversão que elas possibilitavam a ele e seus seus amigos no início dos anos 80. “Quem é menino e foi criado brincando na rua sabe que nada é tão prazeroso do que sair com seus amigos por aí, andando sem rumo até a noite cair. É pura diversão”, completa Drac. Hoje, José Wilton Drac é referência no que se trata de equipamentos e peças em bmx freestyle. É conhecido por todo o Brasil por sua loja e por seu ativismo

www.revistaendorfina.com.br

em prol do esporte. São mais de três décadas na ativa, exatamente o mesmo tempo em que a modalidade chegou no país. “Igual loja de tênis. Eu vendo o produto que melhor serve pro objetivo e pro biótipo de cada atleta”, explica. “Até meus 15 anos, meu sonho era ter uma Caloi 10 e ser campeão” (OLHO) Não existiam peças nem bicicletas para todos. Drac conhecia alguns atletas da equipe da marca Caloi. Na época, com 15 anos, ele passava o tempo assistindo competições de bicicross (corrida com bicicletas aro 20 em um percurso


com rampas de terra). As pistas em São Paulo eram poucas e ele ia junto aos treinos e, as vezes, conseguia dar uma voltinha em alguma bicicleta emprestada. Dos produtos nacionais, apenas a Caloi aguentava o tranco dos impactos. Para adquirir peças era preciso esperar alguém parar de andar, aposentar um guidão velho ou uma roda torta. Neste processo, foi incentivado a competir em provas iniciantes. Nas primeiras, com bikes dos outros, tomou gosto e, quando viu, tinha sua primeira bmx. E, nos últimos 25 anos, sua vida gira ao som das rodas em alta velocidade pousando no solo. Com títulos de campeão paulista e brasileiro, uma loja clássica e intocada no bairro da Santa Cecília, o nome Drac se tornou uma lenda e é o “tiozão” que sempre critica a orienta os novos praticantes. “Não existe nota 10. Sempre é possível melhorar”.

O bmx é um esporte em ascensão, mas isso não é de agora. Quando Drac competia, precisava pagar o custeio de peças

O bmx é um esporte em ascensão, mas isso não é de agora. Quando Drac competia, precisava pagar o custeio de peças. Não existia nada nem ninguém que produzisse material específico para

www.revistaendorfina.com.br

a modalidade. Certa vez, em meados de 1992, decidiu ir até o Paraguai em um “ônibus de sacoleiro”. Lá encontrou uma loja e duas bicicletas. Trouxe uma da marca GT na mala; em uma semana todas as peças já tinham sido vendidas, então ele precisou ir de novo, e de novo. Foi onde tudo começou. Qual é a história do apelido Drac? Quando eu era menino, existia um desenho chamado Família Drácula e por algum motivo meus amigos começaram a me chamar de Draculão. Eu odiava o apelido, mas de repente eu vi que até minha mãe me chamava assim e comecei a achar legal. Quando comecei a comercializar peças, ninguém sabia quem era o José, mas todos sabiam que era só falar com o Draculão. Para os mais chegados, a abreviação Drac logo surgiu e, por incrível que pareça, virou marca.

89


[ Ano4 | Número30 ] 2014

duas rodas

90

Quando você começou a praticar o bmx propriamente dito? Eu comecei tarde. Hoje em dia a molecada começa com 12, 13 anos. Eu tinha 17 para 18, na época da (bicicleta) Extra Light. Eu estava sempre “duro” e trabalhava como dava para pagar o pão do dia seguinte. Depois que entrei no bicicross, houve um fechamento em massa das pistas e ficamos sem saber o que fazer. Na época, sem internet, era uma glória quando alguém conseguia trazer alguma publicação de fora do país. A revista Bmx Plus era composta de 50% de bicicross e 50% de bmx freestyle. Foi quando eu a conheci que estive mais por dentro das tendências mundiais e passei a ser praticante do estilo livre. Isso também coincidiu com a chegada dos vídeos cassete. O vídeo hoje é um fenômeno para o esporte. Não só o bmx, mas o skate e o patins se beneficiam muito dos estudos baseados no que é gravado pelas câmeras. Na época, depois de andar, nós íamos até a casa de quem tinha o aparelho para assistir algum vídeo. Os meninos aprendem assistindo

em slowmotion da trás para frente e de frente para trás. Como surgiu a loja Drac Bmx? Eu precisava de peças e não tinha dinheiro. Quando consegui um dinheiro não tinha onde comprar o equipamento. Em 1992, eu criei uma caneleira chamada Drac Impact; o produto fez muito sucesso, muita gente comprou. No mesmo ano, resolvi me aventurar no Paraguai, peguei um ônibus e fui procurar peças do outro lado da fronteira. Chegando lá encontrei uma loja chamada Ferraros Bike. Fiquei completamente apaixonado e só tinham dois modelos de bmx: GT e Haro. Duas das marcas precursoras do esporte no mundo. Trouxe para SP a GT, que em uma semana tinha sido vendida. Acabei voltando lá algumas vezes. Nos anos seguintes comecei a comercializar as peças que conseguia ter acesso. Em 1995, voltei a ter contato com o “Fruta”, amigo meu de longa data (dono da loja Impact Bike, também referência no bmx brasileiro). Ele me propôs a ideia de abrirmos uma

www.revistaendorfina.com.br

loja. Tínhamos um contato em Piracicaba (SP) de um cara que produzia guidões, e passamos a vender aqui em São Paulo. O nome Drac foi pegando e o pedido de peças aumentando. Ficamos dois anos trabalhando juntos, até que em 1997 eu fundei a Drac Bmx. Em uma era sem internet, como você consolidou a marca ao redor do Brasil? Hoje, com o mercado de vendas na internet, é muito fácil conceber a ideia de realizar um pagamento de 2, 3 mil reais para um desconhecido e receber o produto uma semana depois, na sua casa, sem receber calotes. Parece normal. Mas antes não era assim. Foi um árduo processo. Eu sempre tive muito cuidado e é claro que não podia dar brecha de negócios com ninguém. Sempre quis ganhar meu dinheiro sem explorar os praticantes da modalidade. Todos éramos amigos próximos e isso naturalmente não podia acontecer. Eu sempre fui adepto de eventos no estilo “jam”, onde todos andam sem a métrica de um campeonato. Os


www.revistaendorfina.com.br

91


duas rodas

que se destacam recebem prêmios. Com este tipo de iniciativa, viajei todo o país conhecendo a cena do bmx no nordeste, no sul e em todas as regiões. Meu nome foi ganhando força, virou marca. Eu recebia altas quantias e as pessoas confiavam que o produto ia chegar. E chegava. Fiz muitos contatos e, literalmente, cresci junto com o bmx brasileiro. O que o Drac lojista tem a dizer? A bicicleta tem o maior imposto logo depois do cigarro e da bebida alcoólica. 65% do valor final é composto por impostos. Tudo está muito caro, mas o acesso ainda é maior do que nos anos 90. Apesar de minha loja ser especializada em bmx, eu vendo bicicletas, meio de transporte limpo, que serve para todos, atletas ou não. Uma vez discuti em uma palestra sobre skate, afirmando que ele não é o 2o

esporte mais praticado, como sabemos por consenso. Conta para mim quantos skatistas e quantas bicicletas passam na sua rua em um dia, depois conversamos. A bicicleta só não é difundida no brasil por culpa do governo. Como a maior cidade do país só tem ciclovia aos domingos? (OLHO) Quem é o Drac atleta? O que ele tem a dizer? Foi um atleta muito bom e hoje cobra da molecada. Pego muito no pé. Se está bom, pode melhorar, treine...e se divirta. Sempre. O número crescente de pilotos é muito bom. Melhor ainda é ver que nosso trabalho tem surtido efeito: antigos praticantes estão voltando ao esporte pelo fácil acesso, pelas bikes, pela internet. Antes de voltar ao bmx, estão voltando a andar de bicicleta, o sonho de todo menino.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Programa Kit Mexa-se Cepall

92

Qual o recado para a molecada? Ande de bike com seus amigos, aprenda manobras e se divirta. Andar de bike é se divertir.

Torre com halteres sextavados de 1 a 10kg

Kangoo Jumps KJ-XR3 Black Orange

www.revistaendorfina.com.br

Estação de Musculação 518CI - Kikos


[ Ano4 | NĂşmero30 ] 2014

aquĂĄticos

94

www.revistaendorfina.com.br


segredos Por: Juliana Salles

Com 30 anos de histórias em alto-mar, a família Schurmann tem novos desafios e lições

Fotos – Família Schurmann e Gil Ramos

www.revistaendorfina.com.br

95


aquáticos

M

[ Ano4 | Número30 ] 2014

ais de 184 mil quilômetros percorridos. Passagem por 40 países e cinco continentes. Cerca de 18 anos dedicados à preparação para diferentes expedições. Dois anos de busca por um submarino alemão que afundou na costa brasileira durante a Segunda Guerra Mundial. Doze anos, seis meses e seis livros em duas grandes viagens. Qualquer número relacionado à Família Schurmann é impressionante. Trinta anos depois da primeira volta ao mundo dos pais Heloísa e Vilfredo e dos filhos Pierre, David e Wilhem, a família parte para um novo desafio: a Expedição Oriente. A participação de Emmanuel Schurmann, filho de Pierre, e o nome da embarcação utilizada pelos Schurmann são algumas das curiosidades sobre a nova viagem. O próximo desafio já tem data marcada para começar: 21 de setembro de 2014. A inspiração histórica vem da última grande jornada da família, a Expedição Magalhães Global Adventure (1997-2000). “Magalhães suspeitava que houvesse uma rota para as ilhas das especiarias via uma passagem ao sul das Américas. Ele argumentava que detinha um mapa que provava a existência deste canal. Veio então nossa curiosidade: como ele teve acesso a essa informação, que não era mencionada em nenhum documento oficial?”, questiona o capitão e economista Vilfredo. O suposto fato de que os chineses foram os primeiros a dar a volta ao mundo impulsionou a viagem dos Schurmann. A rota do Oriente vai refazer parte das rotas chinesas do século 15 e passará por lo-

96

cais como a Ilha de Páscoa, Grande Barreira de Corais e Antártica. Kat Schurmann e suas características foram relembradas no novo veleiro. A filha adotiva do casal faleceu em 2006 depois de complicações causadas pelo

O próximo desafio já tem data marcada para começar: 21 de setembro de 2014

Treinamentos feitos pela família para a primeira viagem: 1 Navegação 2 Primeiros socorros médicos e dentários 3 Eletricidade 4 Eletrônica

www.revistaendorfina.com.br

vírus HIV, do qual a garota de 13 anos era portadora. Defensora do meio ambiente, Kat deu nome a uma embarcação com sistemas de geração de energia limpa, tratamento de esgoto e reaproveitamento de lixo orgânico. “Queremos que o nosso barco seja autossustentável”, enfatiza Heloísa. A menina não inspirou apenas o novo veículo da família. Em 2013, Heloísa lançou o livro “O Pequeno Segredo – A lição de vida de Kat para a família Schurmann”. A autora explica como foi a experiência de escrever uma obra literária sobre a filha: “Comecei a escrever como forma de terapia depois que Kat morreu. Eu nem conseguia escrever, pois tinha os olhos cheios de lágrimas. Minha irmã me incentivou muito ‘Você sempre exprimiu melhor seus sentimentos escre-


aquáticos vendo’, me dizia. Demorei seis anos para transformar a história de Kat em um livro e contar essa incrível história de amor”, confessa Heloísa. A doença da garota seria divulgada ao mundo quando ela completasse 14 anos.

Expedições individuais

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Aos 36 anos, Wilhem foi o único filho que permaneceu durante toda a saga “Dez anos no mar” dentro do veleiro: “Acho que a idade e o momento que terminamos a expedição bateram perfeitamente com o que eu queria fazer depois. Eu voltei com 17 anos e foi a idade perfeita para começar a me dedicar 100% em ser um atleta profisional. O engraçado é que o Pierre e o David também foram seguir os seus sonhos com 17 anos”, relata Wilhem. Na Expedição Oriente, o atleta do windesurf será o imediato da navegação. Os quatro filhos estudaram durante as viagens. Essa foi uma das críticas

98

www.revistaendorfina.com.br

Aos 36 anos, Wilhem foi o único filho que permaneceu durante toda a saga “Dez anos no mar” dentro do veleiro feitas aos Schurmann. As maiores oposições surgiram dentro da própria família. Apesar disso, o método do estudo à distância teve êxito. Pierre tornou-se investidor em empresas de tecnologia e internet. David formou-se em Cinema e Televisão e atua como diretor e produtor, e Wilhem ganhou mais de 180 medalhas e troféus em mais de 2 mil


aquáticos campeonatos de windsurf. Na época estudantil, os rapazes tinham uma rotina repleta de desafios, como escrever 20 redações por mês e realizar trabalhos de pesquisa em todas as matérias. Executar essas tarefas nem sempre era fácil: “só pensávamos em mergulhar, explorar, velejar de windsurf etc. O bom é que você pode fazer o seu ritmo e normalmente nos concentrávamos em estudar quando estávamos fazendo uma travessia. Quando chegávamos em um novo lugar, as matérias já estavam feitas. Cheguei a terminar um ano em três meses, certa vez”, relata Wilhem.

A ideia de dar a volta ao mundo surgiu durante uma viagem de Heloísa e Vilfredo à Ilha de St. Thomas, no Caribe, em 1974

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Mar, doce mar

100

A paixão dos catarinenses pelo mar foi à primeira vista. Ou melhor, ao primeiro veleiro. A ideia de dar a volta ao mundo surgiu durante uma viagem de Heloísa e Vilfredo à Ilha de St. Thomas, no Caribe, em 1974: “Na época, nós navegamos pela primeira vez em um veleiro e nos apaixonamos. No último dia, fizemos um pacto: iríamos voltar àquela ilha com nosso próprio veleiro”, conta a matriarca dos Schurmann. De volta ao Brasil, o casal iniciou a preparação para a primeira expedição. Um jovem de 15 anos ensinou os Schurmann a navegar em Florianópolis (SC). A participação em regatas pelo Brasil e no exterior ajudaram Heloísa e Vilfredo a adquirirem experiência. A união da família, o planejamento minucioso, o desapego e o respeito se encarregaram do restante. As inúmeras experiências levaram a família a criar o Instituto Família Schurmann (atual Instituto Kat Schurmann), que tem o objetivo de contribuir para a qualidade socioambiental de ambientes marinhos e costeiros. Os Schurmann também oferecem palestras empresariais, workshops em veleiros e corporate games para empresas brasileiras e internacionais. A família participará ainda da Adventure Sports Fair 2014, maior feira de aventura e esportes do país. O evento acontece no Prédio da Fundação Bienal, no Parque Ibirapuera.

Trechos: “De manhã, acordei com os olhinhos de Kat me espiando da porta da minha cabine. Quando sorri para ela, sua risada ecoou pelo barco e pelo meu coração. Durante aquela velejada, aos pouquinhos, ela foi me cativando com sua meiguice, curiosidade e energia. Nem dava pra perceber que ela tinha uma doença” (livro “O Pequeno Segredo”) “Pensei nos olhinhos dela e em seu sorriso feliz cada vez que me via e, mesmo antes de consultar os meninos, conversar com Vilfredo e com os médicos, já sabia que havia me tornado mãe de Kat” (livro “O Pequeno Segredo”) “O mar tem uma energia e força muito grandes e, quando você tem uma vida ligada a ele, você acaba absorvendo e respeitando muito, consequentemente levando isso no dia a dia, com tudo na sua vida, principalmente o de respeitar e comprender diferentes pessoas, lugares e a mãe natureza” (Wilhem, com exclusividade à Endorfina)

www.revistaendorfina.com.br


MAXIMIZE SUA PERFORMANCE E SEUS RESULTADOS A Trio traz para você as saborosas barras de proteínas com Whey Protein, Albumina e Proteína isolada de Soja, além de 30 vitaminas e minerais. Melhore seus resultados sem perder o ritmo nos treinos. Experimente PRO 30 VIT.

30

vitaminas e minerais

Whey Protein Albumina Proteína isolada de Soja

⁄trioalimentos


adrenalina

Uma das grandes preocupações da Adventure Fair é conscientizar turistas sobre a preservação das regiões visitadas

102

www.revistaendorfina.com.br


Adventure Sports Fair Fãs de esportes radicais puderam conferir palestras, competições e novidades de 140 expositores

Por Vanesssa Dini

E

ntre os dias 15 e 18 de maio, a Bienal do Ibirapuera se tornou reduto de fãs de esportes radicais, interessados em conferir as novidades de um dos mercados que mais cresce no País. A 16ª edição da Adventure Sports Fair – maior feira de turismo e esportes ao ar livre da América Latina - teve como tema a “Vida ao ar livre” e reuniu 140 expositores, entre brasileiros e estrangeiros, além de atrações interativas e competições para todos os gostos.

O que teve “Nosso conteúdo foi o maior destaque”, conta Sérgio Bernardi, organizador da Adventure Sports Fair. Percebemos uma nova tendência mundial entre os jovens: já não há mais uma predileção por apenas um tipo específico de esporte. Hoje as pessoas pedalam, correm na rua, escalam montanhas, remam e

www.revistaendorfina.com.br

voam, sem nenhuma restrição. Elas estão experimentando tudo o que a natureza proporciona para a prática de esporte. São quase multiatletas. O esporte ao ar livre se aproxima muito com a ideia de Outdoor, como é entendido nos EUA, que inclui até mesmo esportes como a pesca”, ele complementa. Os expositores, ligados na temática “ao ar livre”, mostraram ao público regiões preparadas para o turismo de aventura. Foram representados locais como Cuyo, na Argentina, Barbados, Bonaire, Seychelles e Noruega, além do Maranhão, Foz do Iguaçu, Fernando de Noronha e a cidade de Socorro, famosa por seus raftings, trilhas e tirolesas, no interior de São Paulo. “Trabalhamos muito para mostrar que esse tipo de turismo é acessível a qualquer pessoa, idade e condição física”, comentou o prefeito de Socorro, André Bozola. A feira também trouxe novidades em produtos (equipamentos e vestuário) e carros customizados, além de atrações interativas como pista de skate, mini ramp, tanque de caiaque, stand up paddle e remada, tanque de mergulho, pista de snowboard, slackline, escalada e arvorismo, livres para todas as idades e sucesso entre os presentes. Fernando (14), Isabela (12) e Ana Maria (7) não ficaram parados e testaram várias das atividades. “Viemos pela primeira vez ao evento e foi incrível”, comentou a mãe das crianças, Ana Paula Arbache. Houve ainda apresentação de atletas do highline (slackline nas altu-

Os expositores, ligados na temática “ao ar livre”, mostraram ao público regiões preparadas para o turismo de aventura

103


[ Ano4 | Número30 ] 2014

adrenalina

104

ras), que executaram manobras difíceis e encantaram a plateia. Diversas marcas importantes do segmento de equipamentos e vestuário marcaram presença, a exemplo da Salomon, que foi expositora em 2013 e, com isso, se consolidou junto a um público altamente qualificado: “para nós é importantíssimo estar num evento como a Adventure, pois aqui encontramos um público bastante técnico, que entende de qualidade, nos dá um feedback sobre o produto e gosta de conhecer novidades anuais deste mercado”, diz Alejandra Alzugaray da Winner Sports, representante da marca no Brasil. Entre os principais produtos em destaque está a bota Authentic CS. Leve e com tecnologia Climashield à prova de água, o modelo oferece, segundo a Salomon, o conforto e a tração necessária em terrenos irregulares, a um preço muito competitivo. Outro modelo que estará em exposição é o tênis XA Pro 3D Ultra 2 GTX, um dos calçados mais versáteis do planeta, segundo a marca. Ele promete combinar leveza, durabilidade, estabilidade e proteção para caminhadas velozes, corridas em terrenos acidentados e trilhas técnicas. Fabricante de roupas, calçados e acessórios, a marca mundial Columbia Sport Wear também garantiu seu espaço. Segundo o distribuidor exclusivo da marca para o Brasil, Ronald Radomysler, “a aposta este ano é mostrar que todos os produtos da Columbia têm tecnologia, desde os específicos para atividades outdoor até os casuais, pois a marca é hoje sem duvida referência mundial de produtos para atividades outdoor”. Outro objetivo da Columbia é estabelecer novas parcerias com lojas e eventualmente ampliar os canais de distribuição no Brasil, mas o principal mesmo, segundo Radomysler, é “mostrar ao consumidor brasileiro a qualidade da marca”. A X-TRAX, câmera de ação que na última Adventure Fair teve grande repercussão, também veio com tudo. A ideia é mostrar ao esportista, maior consumidor do produto, toda a versatilidade que a câmera possui, permitindo ângulos inusi-

tados e a autofilmagem sem a necessidade de um cinegrafista. “Para a Adventure Fair 2014 investimos em um estande de quase 150m² proporcionando experiências diversificadas ao cliente que for no visitar”, completa Amaury Tezoli, gerente de relacionamento da DB Trends, detentora da marca no Brasil. A Kailash traz também novidades para o setor de corridas de montanhas, setor que vem crescendo de maneira exponencial no Brasil e para qual estão sendo desenvolvidos novos produtos. O destaque é para a nova linha de mochilas e pochetes próprias para trail, que atende desde corridas curtas até ultra maratonas de montanha, com muita leveza,

www.revistaendorfina.com.br


conforto e inovação. Outro destaque foram as palestras e seminários. Atletas como Karina Oliani, a brasileira mais jovem a conquistar o topo do Everest, Pedro Oliva, que viaja o mundo a caiaque, e o ator e apresentador Max Fercondini, que planeja sobrevoar o Brasil inteiro, falaram sobre suas aventuras e novos projetos.

11º Fórum Interamericano de Turismo Sustentável Uma das grandes preocupações da Adventure Fair é conscientizar turistas sobre a preservação das regiões visitadas. Por isso, também faz parte do evento o FITS (Fórum Interamericano de Turismo

Sustentável), que chegou este ano a sua 11ª edição. Organizações como a ICMBio, WWF Brasil, Instituto Semeia, SOS Mata Atlântica, ABAV (Associação Brasileira de Agentes de Viagens) e Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo) participaram de debates como o intitulado “Parques pedem socorro”, coordenado pela ABETA (Associação Brasileira de Ecoturismo e Turismo de Aventura), sobre a preservação e boa gestão das unidades de conservação nacionais. O público pôde, inclusive, acompanhar painéis com experiências bem sucedidas em parques do Brasil e da Argentina. Também ocorreram palestras sobre práticas sustentáveis em hospita-

A feira também trouxe novidades em produtos (equipamentos e vestuário) e carros customizados, além de atrações interativas como pista de skate

www.revistaendorfina.com.br

105


adrenalina lidade e novidades tecnológicas como o crowdfunding (modelo que permite o financiamento de projetos através de doações coletivas).

Novas parcerias A Adventure Sports Fair oferece a oportunidade de firmarem-se novas parcerias entre os expositores, além de públicos diversificados terem acesso a esportes em crescimento no País. Foi o caso do Slackline, com Allan Ribeiro, gerente de marketing da Gibbon Slacklines Brasil, que trouxe ao evento o campeão mundial do esporte, Carlos Neto. “Recebemos muita gente e novas parcerias comerciais devem surgir”, ele comenta. O evento deste ano registrou aumento de 30% no setor de esportes de prancha, como surfe, skate e stand up paddle. Cristiano Fernandes, empresário e dono da Brasil Skate Camp (primeiro acampamento de skate do País), também visa o crescimento do negócio. “Organizamos clínicas

de skate, convidamos profissionais do esporte e recebemos 700 crianças em mini aulas. Esperamos crescer bastante depois desta nossa primeira participação na feira”.

Competições Além dos expositores e atrações, a Adventure Fair contou também com cam-

peonato de snowboard, utilizado para o ranking dos melhores brasileiros e sul-americanos na modalidade, e com o 2º Campeonato Nacional “Batalha dos Mestres”, de slackline, aberto para cadastro sem restrição de idade ou patrocinador. Levaram a melhor nas disputas o paulista Rafael Ramos e o carioca Luca Rocha.


[ Ano4 | NĂşmero30 ] 2014

108

www.revistaendorfina.com.br


aventura nocaute

O casal da arte suave

O multicampeão Eduardo Santoro “Português” e sua esposa, a artista e atleta Syang atacam agora como empresários e professores de jiu-jitsu na própria academia, a Eduardo Santoro Jiu-Jitsu.

Por Márcio Mecca

e pan-americano, além de títulos mundiais, destacando-se como um dos principais peso-médios de sua geração. Juntos, Eduardo Santoro e Simone Dreyer Peres, a Syang, formam um casal que lutam para difundir ainda mais o jiu-jitsu e sua filosofia, e mantém juntos uma academia que leva o nome do campeão da arte suave. Um sonho antigo que virou realidade.

“O jiu-jitsu está cada vez mais profissional. Não tem mais espaço pra quem fuma, bebe, sai de balada e vai competir no dia seguinte”

[ Ano4 | Número30 ] 2014

la sempre foi mais agitada, descontrolada. Participou do reality show “Casa dos Artistas”, cantou, tocou e ficou conhecida no Brasil com seu jeito de bad girl. Ele cursou administração na faculdade, mas foi no tatame que achou sua real vocação. De jeito sereno e vestindo o kimono foi tricampeão brasileiro

110

Português, como é conhecido Eduardo Santoro, natural de São Paulo, começou a lutar aos 18 anos e a dar aulas bem cedo, é verdade. Desde 1998, quando estava na faixa roxa já ensinava jiu-jitsu em algumas academias, como na Cia Atlética. Cria do sensei Max Trombini, conquistou vários títulos competindo no peso-médio do jiu-jitsu. Tais quais: Campeão Mundial IBJJF (Confederação Internacional de Jiu-Jitsu Brasileiro - sigla em inglês) , Campeão Mundial CBJJE(Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Esportivo), Tri Campeão Pan-americano IBJJF, Heptacampeão Paulista, Tri Campeão Brasileiro CBJJ(Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu), Campeão Internacional Master CBJJ, nas caterogias Peso e Absoluto. São 16 anos de professor e 20 no total, lutando jiu-jitsu e conquistando títulos. “Praticamente minha vida inteira eu dividi entre os treinos e as aulas. A rotina de trabalho e treino não é novidade. Novi-

www.revistaendorfina.com.br


Fotos – Vanessa Marchini e Márcio Mecca

dade é a academia minha, que tem um ano e meio”, diz ele. A Academia Eduardo Santoro Jiu-Jitsu foi inaugurada em novembro de 2012, em São Paulo, fruto de um antigo sonho de Português, mas que só se tornou realidade graças à sua esposa ser mais “atirada”, segundo ele. A artista e lutadora sempre teve desejo de abrir algum negócio próprio, mesmo antes de conhecer o jiu-jitsu, e pelo fato de ser “mais impetuosa e de se arriscar mais”, como ela diz, deu um empurrãozinho no marido para concretizar o sonho que ambos tinham em comum. Hoje a ESJJ atende aproximadamente 100 alunos e conta com trabalho social, também, que Português diz ser pequeno ainda, perto do que ele gostaria de fazer. “Eu tenho alunos que dão aula em periferia, em bairros um pouco mais distantes, que tem dificuldade. Então eles tem academias lá, dão aulas lá, então tem várias unidades. E daí eles sempre trouxeram alunos pra treinar comigo, então sempre fizemos um intercambio. O pessoal de lá acabava treinando na academia onde eu dava aulas, e eu

A gente pega um pouco de tudo que aprendemos, de CrossFit, musculação, alimentação, e aí criamos nosso próprio treinamento já conseguia algumas bolsas que ajudavam esses garotos a treinar mais. Então quando eu abri minha academia eu pensei ‘poxa, vou ver quantos alunos eu consigo ajudar’, e comecei a ajudar 7 garotos de lá, da academia Keri, e de lá eles foram se destacando bastante”. Português almeja mais benefícios para os alunos mais carentes, planeja parcerias com empresas, mas sabe que é difícil devido ao investimento necessário para poder competir, já que “eles precisam se alimentar, viajar, pagar inscrição de campeonato, kimono, tem as viagens

www.revistaendorfina.com.br

pra campeonatos fora do Brasil, etc.” André Macedo, personal trainer e faixa preta de jiu-jitsu, já foi aluno de Português, quando este dava aulas na academia Cia Atlética. Tempos depois, Macedo iniciou os trabalhos como professor na mesma rede, mas continuou trabalhando e evoluindo juntamente com ele, tanto que conseguiu a dita faixa preta graças ao seu mestre. Hoje, André Macedo frequenta a ESJJ, no bairro do Brooklin, em São Paulo. “Ele sempre foi o grande espelho para todos, tanto os alunos quanto os parceiros de treino. Foi com a metodologia dele que conquistei meus principais títulos na master(circuito paulista/brasileiro/internacional de masters e sêniors), e pra mim a melhor de todas que foi meu primeiro titulo de campeão na preta o ADCC Brasil(Abu Dhabi Combat Club)”, completa Macedo. Ele fala sobre a metodologia de treinos de Português, que é de se apegar a nos pequenos detalhes de cada posição ou segmento da posição, e repeti-las muitas vezes durante a semana. “Mas o que mais enriquece a metodologia dele é a humildade

111


nocaute aventura

para aprender com outros grades nomes do jiu jitsu, assim como seus alunos, também,” ressalta. Importante na preparação de Portuga para a conquista do Pan-Americano e do Campeonato Europeu deste ano, realizado na Espanha, onde Syang sagrou-se campeã, também, no máster feminino, Rubéns Charles, o famoso “Cobrinha”, fala sobre o casal e a relação que tem com eles. “O Portuga no tatame é uma das pessoas mais humildes que eu conheci. Está sempre querendo aprender. E é sempre bom dividir o tatame com o ele porque ele está sempre em busca do aprendizado, e com isso faz com que aprendemos também. É um atleta técnico e habilidoso”, diz ele. Já sobre a Syang, diz que ela reage aos treinamentos muito bem, e que a admira “por ser mãe, e ainda ter o tempo para se dedicar ao Jiu Jitsu, que todos nós sabemos que não e

112

nada fácil cuidar de uma família e ainda arrumar um tempo para fazer o que ama. Durante a luta a Syang e tranquila sabe lidar muito bem com o nervosismo.” Corroborando com as palavras de Cobrinha, Syang afirma que as palavras motivacionais do treinador foram importan-

“Foi o Edu que me ensinou tudo, e é uma pena não tê-lo conhecido antes, assim como o jiu-jitsu, mas acho que nunca é tarde pra você começar um esporte”

www.revistaendorfina.com.br

tíssimas para que ela pudesse superar a ansiedade e nervosismo, antes de subir no tatame e vencer no Master da Europa. “Um dia antes de eu lutar, estava num estágio máximo de estresse e cansaço, eu chorava e falava pro Edu ‘olha, nunca mais você me coloca em competição, eu sou artista!’. Aí cheguei no treino, o Cobrinha fez um discurso que foi o que ajudou 50% pra eu ganhar o campeonato” lembra ela. Ela completa dizendo que a partir do momento que estreitaram as relações com Cobrinha, a vida deles e o foco mudou completamente. “Ele extrai o máximo que você pode. Faz pensar naquilo, com concentração”, completa Syang em entrevista exclusiva para a Revista Endorfina.

Como tudo começou Syang e Eduardo se conheceram numa academia que treinavam. Ela,


LÍDER ABSOLUTO EM VENDAS DE SUPLEMENTOS ALIMENTARES NO BRASIL. A maior variedade de produtos para quem busca qualidade de vida. Aqui você tem tudo o que precisa para melhorar seu corpo, saúde e performance esportiva.

Segurança total para sua compra

Mais de 170 marcas e 4 mil itens à venda

Frete grátis para pedidos acima de R$ 49,00

Entrega em todo o Brasil

WWW.CORPOPERFEITO.COM.BR


nocaute aventura que sempre praticou esporte, por ser filha de esportistas, gostava de acompanhar UFC, “não perdia uma luta do Royce Gracie nem de Mike Tyson, no boxe”, como ela ressalta, entusiasmada. Conta que começou a fazer boxe depois que saiu da “Casa dos Artistas”, mas o que deixava ela boquiaberta era o pessoal treinando de kimono, no tatame do jiu-jitsu. Essa foi a “desculpa” para se aproximar de Português, que treinava ali, aos olhos dela. Depois de um amigo em comum apresentar um ao outro passaram-se dez anos de uma relação desde então. “Dez anos justamente no dia da entrevista com a Endorfina. Muita alegria, muita coisa boa, passamos por todas as fases. Digo que vivemos 50 anos em 10, de repente. Vivemos intensamente, e com muito jiu-jitsu”, relata Syang, com sorriso no rosto. Para Eduardo Português, é uma relação com diversos “laços”. “Tem hora que ela é minha aluna, tem a hora de marido e mulher, a hora de empresários, de pensar na academia, quais estratégias de marketing, pra ter mais alunos, pra fazer a cobrança, etc...Então temos que estar na maior harmonia possível pra conseguirmos o que queremos”, ele diz.

Aprendendo valores, trabalhando mente e corpo Tanto Português quanto Syang ressaltam a importância da arte suava para a vida pessoal, a transformação que a luta e a disciplina podem trazer, em forma de respeito ao outro. “É uma luta que ensina muito o valor que a gente tem da nossa família. Pois nossos amigos, nossos treinos, nosso tatame são nossa segunda família. Então a gente tem valores de família, respeito, lealdade, gratidão, que são muito importantes. E na parte de autocontrole, confiança, também eu acho fundamental. Às vezes a pessoa é muito insegura, muito estourada, descontrolada. No jiu-jitsu a pessoa se sente muito mais segura, tem um controle maior, aprende a respeitar os outros”, revela o tricampeão brasileiro e pan-americano,

114

“No jiu-jitsu a pessoa se sente muito mais segura, tem um controle maior, aprende a respeitar os outros”

que também foi “transformado” depois que começou a lutar, já que passou a ser mais confiante, seguro e humilde depois de entrar no jiu-jitsu. Na mesma direção vai Syang, que diz que era mais descontrolada e agressiva, e agora consegue parar para respirar e contar até dez antes de qualquer cosia. Diz também que sua vida é muito mais focada depois que entrou no tatame. Sobre os aprendizados ela diz que “ensina que

www.revistaendorfina.com.br

a gente pode tudo o que a gente quer. Não tem idade, não tem sexo. Se você quer alguma coisa, você pode conseguir”. E consegue, mesmo. Ela é prova disso, já que conquistou o máster europeu em fevereiro deste ano. Ela reforça que, com a rotina de mãe, artista – atualmente toca guitarra como convidada da dupla Deuber e Leandro –, professora e empresária, é difícil competir em todos os campeonatos, mas que tenta se organizar para tal.


Bem Estar Equipamentos

17 3485 9070 Sinônimo de Saúde

Rua Francisco Pinheiro, 414 - Dist. Ind -

Valentim Gentil - SP

Confiram a Linha de 3’- Premium

Não perca tempo! Monte Já sua academia. Estofados anatômicos Pintura eletrostática a pó Porta Garrafa e porta Objeto Tubular de 3” com 3 mm de Espessura

Leg Press 180º

Completa Placas de peso injetadas em moldes especiais Linha Cabo de aço revestido em PVC super resistente Cardio Chapas de reforço de estrutura com design moderno Roldanas em polipropileno maciço c/ rolamentos interno Conectado!

Mais produtos no site:

Facilidade nos pagamentos Com Loja Virtual

www.bemestarequipamentos.com.br


pilates e funcional

Um método,

várias vertentes Ao longo do tempo o método ocupa cada vez mais espaço no mercado, surgindo vários tipos de abordagens

C

oncentração, controle, centralização de força, fluidez, precisão e respiração. São esses os seis princípios de Joseph Pilates que devem reger a prática do Pilates. Quase todos já conhecem a prática de exercícios criada há praticamente cem anos pelo homem de saúde fraca e problemas de raquitismo. O método teve influência do o yoga, artes marciais e estudo do movimento dos animais. A princípio foi usado por Joseph para manter saudáveis os artistas de circo, atletas e bailarinos com quem teve contato nas primeiras décadas do século XX, ajudando-os com

Por Márcio Mecca

exercícios de flexibilidade e alongamento, além de tratamento de lesões. Tendência no Brasil e no mundo, este método vem sendo modificado e adaptado a várias outras práticas, como em áreas da dança. São vertentes criadas a partir dos fundamentos originais, que visam atender certos nichos e públicos. Capaz de gerar transformações celulares através de 3 biofeedbacks, sendo verbal, visual e sinestésico, o Pilates Clás-

“Segundo Joseph Pilates, os exercícios do seu método devem obedecer seis princípios: concentração, controle, centralização de força, fluidez, precisão e respiração”

116

www.revistaendorfina.com.br

sico Científico visa vender qualidade de vida. PhD quando o assunto é Pilates, a dra. Eliane Coutinho, da Fisiociência, explica um pouco mais a prática criada por ela. “Nós trabalhamos com contrações de nível submáximo. Só que essas contrações só acontecem se o professor estimular o aluno através do toque, da fala, da explicação”, comenta. Há sempre a busca da conexão entre corpo e mente, princípios da contrologia. De acordo com Eliane, no método original, ainda se faltava muito conhecimento de biomecânica, como função articular, muscular. “Então, algumas coisas a gente precisa, na verdade, adaptar, sem perder a essência.


Eu vou ter o mesmo exercício com algumas considerações em posicionamento”, completa. Para a doutora, a ciência chega para poder explicar a funcionalidade dos exercícios, uma vez que hoje sabe-se muito mais de biomecânica do que à época de Joseph Pilates. Durante os exercícios busca-se a hipertrofia de forma organizada. Ao mesmo tempo que fortalece-se um músculo, é necessário o fortalecimento de seu músculo antagônico, explica Eliane. O Método Clássico Científico é indicado para todos. Entrega resultados para saúde e estética, segundo sua criadora. Quem busca apenas melhoras na postura, por exemplo, com a ajuda da ciência, pode-se chegar onde o método original não chega, já que não há impacto no corpo. Se o desejo é aumento dos glúteos, definição da cintura, é possível através de contrações específicas na área, que visam o fortalecimento de forma organizada, sempre bom frisar. Há uma nova corrente em voga na área do Pilates, em que se tem a instrutora e coreógrafa argentina Virginia Lo Votrico como grande referência. No Pilates Coreográfico há a fusão da dança moderna e clássica com os exercícios de pilates. Todos os exercícios são usados nessa fusão, através da fluidez, harmonia, equilíbrio

e técnica. “A utilização de exercícios de Pilates e princípios incorporados nesses movimentos e links enraizados na música, que utiliza a dança para fazer a performance”, explica Virginia. Esses links que servem como elos de uma cadeia, e cada exercício corresponde a um link que irá anexado a outro exercício e outro link. A união de vários forma uma seqüência e a

www.revistaendorfina.com.br

ligação de várias sequências gera o produto final, que resulta no Pilates Coreográfico. Virginia acrescenta que “para isto é preciso acrescentar dois fatores-chave: a música, essencial para dar movimento, e interpretação, o que dará a alma para a coreografia”. Os exercícios são de Pilates, com progressão e variabilidade, encadeados com posições e figuras de dança clássica e moderna. Sobre a funcionalidade da prática, Virginia acredita que

117


pilates e funcional

[ Ano4 | Número30 ] 2014

o Pilates Clínico foi desenvolvido nos anos 90 na Austrália pela APPI (The Australian Physiotherapy & Pilates Institute, em inglês)

118

com a metodologia é possível trabalhar todos os músculos ao mesmo tempo e, como resultado produzir melhor desempenho físico, uma maior coordenação e agilidade. Ele pode ser aplicado na vida cotidiana, pois beneficia o corpo e a mente e alma perceber um estado de perfeita harmonia entre os três. Este método é indicado para todos os tipos de pessoas e pode-se construir seqüências com diferentes níveis: inicial, intermediário ou avançado. A progressão dos exercícios vai depender de fatores como o nível de classe, metas para o ano em que a classe, função, harmonia em movimento, concentração de alunos, limitações físicas, etc. Acreditando ser uma variante mais aperfeiçoada do método original, o Pilates Clínico foi desenvolvido nos anos 90 na Austrália pela APPI (The Australian Physiotherapy & Pilates Institute, em inglês). Não é uma mistura com outras técnicas, mas sim, uma abordagem mais eficaz, segundo os criadores. De acordo com as diretrizes, no Pilates Clínico há a modificação e abolição de alguns exercícios condenados por ortopedistas e

fisioterapeutas e dos exercícios que causam danos ou deformidades à coluna. A proposta é deixar o método mais acessível a todos que se interessem, seja quem busque condicionamento físico ou quem é portador de lesões ou traumas. Independente do método praticado, cada vez mais pessoas praticam Pilates

www.revistaendorfina.com.br

no Brasil e no mundo. As empresas devem estar atentas ao mercado, disponibilizando equipamentos eficientes que atendam ao público de modo geral. A Equipilates, empresa brasileira, está de olho nas novidades e no mercado, e acaba de assinar contrato de exclusividade para fabricar o Pak Pilates, patenteado pelo fisioterapeuta Felipe Scanoni. O aparelho portátil de Pilates pode ser fixado no batente de qualquer porta, ampliando as possibilidades de levar o


pilates e funcional

Pilates a todos os lugares como hospitais, residências, clubes, entre outros locais. Além disso, lançou na Fitness Brasil em Santos o Refomer Clinical, que é um aparelho desenvolvido para auxiliar em diversos tratamentos de Patologias.

Polêmica Hoje o Pilates é conhecido no mundo todo, como uma prática extremamente eficaz de condicionamento físico e mental, que exercita o corpo de forma global. Os 34 exercícios propostos originalmente por Joseph Pilates, autodidata que conhecia o corpo humano e suas funções, podem acarretar melhoras na postura, alinhando as estruturas e criando fatores de crescimento nos músculos, de acordo com os exercícios realizados. Para Solaine Perini, fisioterapeuta e presidente da ABP(Associação Brasileira de Pilates), as modificações ocorridas

tendem a descaracterizar a filosofia original de Pilates, modificando a ordem e a forma dos movimentos executados. “Em 1945 Joseph Pilates publicou o livro “Return to Life Through Contrology” onde fundamenta uma sequência com 34 exercícios para fins de reabilitação terapêutica e condicionamento físico. Esta sequência permite exercitar o corpo de forma global. Neste legado, Pilates deixa claro que a execução dos exercícios e a sua ordem não deveriam ser modificados. O método Pilates, sofreu as influências das escolas de dança e Ballet que adaptaram o método as suas necessidades”, analisa. Sobre o papelo do órgão, afirma que a ABP define e recomenda para os programas de treinamento de professores de Pilates, e estabelece o exame de certificação, validando que o instrutor deve atender os padrões de ní-

vel nacional e internacional, respeitando a essência do método e garantindo segurança e qualidade no ensino. Exige o registro de conclusão do programa completo para Professores de Pilates com o mínimo de 450 horas. O mesmo, afirma ela, ocorre em outros países, por meio da Certificação Internacional da PMA (Pilates Method Alliance).

Dia do Pilates O Pilates Day é um evento realizado pela PMA, todo primeiro sábado de maio. É um evento anual da comunidade internacional de Pilates, comemorado em todo o mundo. “A ideia é reunir no mundo inteiro studios, com aulas abertas para a comunidade, sendo uma oportunidade para as pessoas conhecerem o método, que trabalha o bem-estar físico e mental”, explica Solaine Perini.

Os aparelhos da Equipilates são fabricados no mais alto nível de qualidade e atendem aos requisitos máximos de segurança, conforto e ergonomia.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Acesse: www.equipilates.com.br Ou ligue: 0800-095-6991

120

www.revistaendorfina.com.br


arnold

Arnold Classic

Brasil mais de 70 mil pessoas em três dias de muito esporte Com boa organização, volume de negócios chega a R$80 milhões Por Márcio Mecca

[ Ano4 | Número30 ] 2014

T

122

rês dias repletos de atrações esportivas para todos os gostos, do skate ao Pole Dance, passando pela queda de braço e chegando ao levantamento de peso. Mais de 70 mil pessoas e estimativa de mais de R$80 milhões em negócios gerados. A Arnold Classic Brasil, evento que abrange a maior feira de nutrição esportiva, performance, lutas e de fitness do país, foi realizada, este ano, no Rio Centro, na Barra da Tijuca, na cidade do Rio de Janeiro, e obteve resultados impressionantes, como os números já citados. São provas de uma boa organização e aceitação do público brasileiro, para um setor que cresce dia após dia. A feira leva o nome do organizador do Arnold Sports Festival e sócio da edição brasileira, o ator, ex-Governador da Califórnia e ex-fisiculturista(e campeão do

“Inicialmente, esperávamos uma visitação de cerca de 70 mil pessoas, mas o movimento do primeiro dia nos faz prever que esse total chegue a 100 mil visitantes” mundo em 13 ocasiões na categoria Bodybuilding Pro), Arnold Schwarzenegger, que, além de conferir pessoalmente o evento e assistir a inúmeras competições, ainda se arriscou em algumas modalidades que eram disputadas por lá. Jogou xadrez, pebolim ou totó para os cariocas,

www.revistaendorfina.com.br

e pulou corda. Das mãos do pentacampeão mundial de skate vertical, Sandro Dias, recebeu um skate e uma cesta de pães de mel. Embora não tenha se arriscado no half-pipe, o embaixador do esporte, como é conhecido, distribuiu sorrisos e elogiou a organização do evento. Durante a coletiva de imprensa no Hotel Windsor Barra, o maior divulgador da atividade física com peso no mundo voltou a declarar sua paixão por exercícios e disse que pretende promover outros eventos de fisiculturismo no Brasil. “Essa ‘Cruzada’ tem gerado bons resultados em todo o mundo e, no Rio, não é diferente. A cidade é realmente maravilhosa. Os cariocas cultuam o corpo, celebram a prática de exercícios e gostam de estar em forma”, disse o austríaco. Organizadores do Arnold Classic Brasil, Luiz Felipe Bonilha e Ana Paula Leal Graziano contaram que o evento já superou com folga o êxito da edição passada. “Inicialmente, esperávamos uma visitação de cerca de 70 mil pessoas, mas o movimento do primeiro dia nos faz prever que esse total chegue a 100 mil visitantes. Além de sucesso de público, o evento ajudará a gerar mais de R$ 80 milhões em negócios”, disse Bonilha, que acrescentou: “O Arnold Classic Brasil tem a força de Arnold Schwarzenegger, e sua paixão por nutrição esportiva e fitness é o que ajuda a transformá-lo em êxito tão grande”. Já Ana Paula Leal Graziano destacou o caráter multiesportivo do evento. “No ano passado, houve 19 competições esportivas. Esse ano, um total de 31. Arnold resumiu o que queria que fizéssemos com o evento: ‘Make it big’ (‘Façam-no grande’). Cumprimos a orientação à risca”, garante a empresária. Ao lado do americano Jim Lorimer, com quem celebra uma parceria de quase 40 anos na organização de eventos mundo afora, do presidente da IFBB (International Federation of Bodybuilding), Rafael Santorra, e dos sócios no Arnold Classic Brasil, Ana Paula Leal Graziano e Luiz Felipe Bonilha, Schwarzenegger


Fotos - Rodrigo Dod e Paulo Gervino

A grande estrela da noite, o americano Steve Kuclo, foi o favorito e levou a medalha de ouro para casa

ca”, disse o “Exterminador”. “Sou viciado em treinar e me exercito todos os dias. Diziam que, se treinasse muito, poderia apressar meu envelhecimento, ter problemas de saúde ou, mesmo, virar gay. Felizmente, nada disso aconteceu”, brincou Arnold, acrescentando ter decidido usar

sua popularidade para difundir cada vez mais e em mais lugares do mundo a atividade física e o fisiculturismo.

Arnold Conference Simultaneamente à feira, no sábado e no domingo houve um congresso

contou que levantar peso mudou sua vida: “Era um rapaz comum, com uma vida simples, na Áustria, até o dia em que fui a uma academia pela primeira vez. Dali em diante, minha vida mudou. O sonho de ser campeão mundial de fisiculturismo realizou-se 13 vezes e o esporte me tornou quem eu sou. Foi ele que me levou para os Estados Unidos, me fez virar ator e me conduziu à políti-

www.revistaendorfina.com.br

123


arnold técnico no Hotel Windsor Barra para os profissionais de Educação Física, Nutrição, Bodybuilders e demais amantes do esporte. Foram palestras com temas específicos, que contaram com módulos como nutrição esportiva e clínica, treinamento de força, corrida de rua, Bodybuilding e gestão de lojas de suplementos. Com duração de 50 minutos a 2 horas, de acordo com o módulo, o congresso atraiu 2.100 inscritos, superando as expectativas. A Revista Endorfina foi uma das apoiadoras deste evento, reforçando a preocupação e compromisso com a qualidade de vida das pessoas, através dos esportes, alimentação saudável e bem-estar, assim como o estímulo e maior desenvolvimento ao mercado fitness brasileiro.

Em Womens Fitness, Veronica Duran, da Bolívia, levou a medalha de ouro. Na segunda categoria feminina do dia, Roberta Gomes foi ouro entre as Women’s Physique

Competições

campeão absoluto na prova do Strongman Pro, com 26 pontos. Além de ganhar as duas primeiras provas, quebrou o recorde mundial do cilindro, que já era seu, na categoria Log Lift. A prova foi dividida em três etapas: Log Lift (Cilindro), Dead Lift (barra de supino) e Atlas Stones (bolas). No primeiro módulo, o

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Durante o primeiro dia de evento, em que aproximadamente 16 mil pessoas compareceram ao Rio Centro, foram apresentadas as competições de Strongman Pro, BodyBuilding Amador, Pole Dance, entre outras. Diversos brasileiros participaram das competições no Rio Centro, sendo que cinco deles subiram ao pódio como campeões, em competições internacionais. Zydrunas Zavickas, o lituano que sempre chega como favorito, consagrou-se

124

www.revistaendorfina.com.br

atleta precisava levantar o máximo de peso possível em algumas tentativas. Ao final, Zydrunas bateu o recorde mundial ao levantar 223kgs. “É muito bom, pois eu já estava querendo quebrar o recorde este ano. Já havia quebrado um recorde no ano passado, levantando 222,5kgs. Toda competição que eu tenho oportunidade, eu tento quebrar recordes. Este ano me senti muito a vontade para isso e consegui”, comemorou o lituano. Na segunda categoria, mais uma vez Zydrunas desbancou os concorrentes. A categoria consiste em levantar o supino mais vezes em um minuto, e atleta realizou dez repetições no tempo. Na terceira e última etapa da prova, os competidores precisavam levantar bolas do chão e coloca-las sobre uma superfície. As bolas pesam entre 130 e 180 kgs, e a ordem é crescente. O atleta norte-americano Brian Shaw, considerado o homem mais forte do mundo, venceu a prova e levou as seis bolas em 19 segundos. O único brasileiro a disputar a prova, Marcos Ferrari, ficou em sétimo lugar, com nove pontos. O BodyBuilding Amador elegeu campeões em algumas categorias. Em Womens Fitness, Veronica Duran, da Bolívia, levou a medalha de ouro. Na segunda categoria feminina do dia, Roberta Gomes foi ouro entre as Women’s Physique. Na categoria Men’s Physique até 1.75cm, os cinco primeiros colocados foram


www.revistaendorfina.com.br

125


arnold

[ Ano4 | Número30 ] 2014

ambiente do Arnold Classic este ano, a expo está bem maior, com muita gente”, disse a paulista Paula Quintino. No sábado foi a vez dos homens competirem no Pole Dance. A disputa foi da categoria Pro Internacional e o brasileiro Carlos França ficou com o terceiro lugar. A sensação do Pole Dance na atualidade, o russo Evgeny Greshilov, conquistou novamente o primeiro lugar. Na categoria Pro Internacional Feminina, a canadense Veronica Solimano conquistou o ouro, Hanka Venselaar, da Holanda, ficou com a prata, e a argentina Maria Victoria Ramé, com o bronze. A brasileira que disputava a categoria não subiu ao pódio. Novamente, no segundo dia da Arnold, o Bodybuilding amador premiou brasileiros. Na primeira categoria, até 70kgs, um trio de brasileiros subiu ao pódio. Francisco de Assis em primeiro,

126

brasileiros, liderados pelo campeão Diogo Montenegro. Na categoria acima, dos homens com mais de 1.75cm, o Argentino José Ferrer Santillán ficou no lugar mais alto do pódio. O único brasileiro da categoria, Diego Gil, ficou com o sexto lugar. Já no Classic BB, brasileiros também dominaram o pódio. Rodrigo Coelho Alves levou o ouro entre os homens abaixo de 1.75cm e Carlos Willian Haddad ficou em primeiro no grupo dos atletas com mais de 1.75cm. Fechando as categorias masculinas, Uelinton Aragão subiu no alto do pódio entre os competidores com menos de 70kgs. Com apenas competidores brasileiros, a disputa do Pole Dance aconteceu na sexta-feira. Na categoria amador, o primeiro lugar ficou com a gaúcha Lígia de Jesus, seguida pela paulista Marielle Lopes e a carioca Lena Santos. Entre as profissionais, a paulista Paula Quintino levou a medalha de ouro, a paranaense Êlo Alcântra ficou com a prata, e a carioca Monique Medeiros ficou em terceiro. “É o segundo ano que venho aqui e sou bicampeã. Me preparei muito para isso, tenho uma dieta regrada e me alimento muito bem. Estou adorando o

Com apenas competidores brasileiros, a disputa do Pole Dance aconteceu na sexta-feira. Na categoria amador, o primeiro lugar ficou com a gaúcha Lígia de Jesus

www.revistaendorfina.com.br


A Highlab Nutrition criou uma linha completa de produtos de alta qualidade focada nos consumidores mais exigentes. Em parceria com os melhores fornecedores de insumos do mercado de Suplementos Alimentares, a marca garante produtos premium com preço acessível. Saiba mais em: www.highlab.com.br

confira toda a linha!

marca exclusiva

COMPRE JĂ EM: www.revistaendorfina.com.br

127


arnold

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Das mãos de Arnold Schwarzenegger, no palco do Citibank Hall, no último dia de evento, os vencedores receberam o prêmio mais cobiçado do evento, o Bodybuilding Pro

128

seguido por Fábio Labat e Romenildo Silva. Na categoria até 75kgs, o brasileiro Francisco de Assis levou o ouro. Entre os atletas da categoria até 80kgs, o brasileiro Isaac Balbi levou o ouro. E em terceiro, mais um brasileiro, Diego Nonato Vieira. Na categoria acima, até 85kgs, houve dobradinha de brasileiro no pódio, ficando Emerson Pereira em segundo e Flávio Santos Silva em terceiro. O grande campeão foi o venezuelano Mauro Antonio Torres. Entre os atletas de até 90kgs, mais um trio brasileiro: Jorlan Vieira em primeiro, Agostinho Figueiredo em segundo e Marcelo Caldas em terceiro. Na categoria até 100kgs, o argentino José Miguel Ponce em primeiro, o brasileiro Djalma da Costa conquistou a medalha

de prata, seguido pelo também brasileiro Roberto Neder. Entre os homens acima de 100kgs, o terceiro trio brasileiro do dia no palco. James Bondi levou a medalha de ouro, seguido por Victor Luna, em segundo lugar e Vitor Alves. Das mãos de Arnold Schwarzenegger, no palco do Citibank Hall, no último dia de evento, os vencedores receberam o prêmio mais cobiçado do evento, o Bodybuilding Pro. A disputa trouxe os grandes fisiculturistas do mundo para o palco da casa de show, e contou com grande apoio do público, que compareceu e torceu. Entre os 25 participantes, três eram brasileiros, mas apenas dois competiam pelo país. Regiane da Silva, naturalizada alemã, competia pelo país europeu. Julio

www.revistaendorfina.com.br

Balestrin e Diana Monteiro, não chegaram ao top 5 dos juízes. Julio era estreante na competição profissional e Diana havia competido no ano anterior na mesma categoria. A grande estrela da noite, o americano Steve Kuclo, foi o favorito e levou a medalha de ouro para casa. Os demais premiados no Arnold Classic Pro foram: Juan Diesel Morel, Jonathan de LaRosa, Lionel Beyeke e Toney Freeman. Entre as mulheres, no Arnold Classic Fitness, a americana Bethany Cisterino, foi o primeiro lugar. Seguida pela Regiane, Danielle Ruban, Whitney Jones e Ryall Graber. “Este é o meu primeiro ano no profissional e eu ganhei. Isso foi demais. Sempre vi o Arnold Schwarzenegger como um ídolo, uma inspiração, e receber o meu prêmio das mãos dele é uma emoção muito grande. Agora me preparo para outras competições mundiais, mas com uma motivação maior, por ter ganhado aqui. Mas antes posso sair um pouco da dieta, e vou aproveitar para comer alguns cheesburgers, que eu adoro”, comemora o americano de 28 anos, Steve Kuclo.


www.revistaendorfina.com.br

129


treino

Sem

Desculpas Por Crys Bassi

Fotos - Arquivo pessoal

quando decidi fazer uma cirurgia estética para colocar uma prótese nos seios. Conclusão: tive uma recuperação muito ruim, sentia muitas dores, o que acabou me afastando de qualquer atividade física por 8 meses. O resultado foi o acúmulo de gorduras localizadas e celulite, e claro, um pouco de flacidez. Estava formado o pesadelo feminino, o que só fui me dar conta ao me ver de biquíni. É verdade, a gente só percebe como realmente estamos olhando pra foto.

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Meu primeiro passo, foi decidir como seria meu sonho de corpo perfeito, e tomei como referencia duas atletas de fisiculturismo

130

H

oje em dia o que mais se ouve falar é em saúde, doenças ligadas à alimentação incorreta, exercícios físicos para melhorar a qualidade de vida. E o que mais ouvimos em segundo lugar? “Eu não tenho tempo, não consigo fazer dieta, não gosto de academia, mas eu queria ter um corpo definido, queria perder uns quilinhos, queria sumir com essa celulite, queria , podia, deveria....” Então, caros leitores, gostaria de di-

vidir com vocês minha história de mudança, contar como tudo começou e como venho mantendo um estilo de vida saudável mesmo com pouco tempo. Dividir todas as dificuldades que tenho por conta da minha profissão e dizer pra vocês que sempre dá tempo de mudar, e que é possível, sim, mesmo com pouco tempo só requer um pouquinho mais de esforço. E que se realmente a gente quer a gente faz. Tudo começou a dois anos atrás,

www.revistaendorfina.com.br

Meu primeiro passo, a partir disso, foi decidir como seria meu sonho de corpo perfeito, e tomei como referencia duas atletas de fisiculturismo: as campeãs Renata Guaraciaba e Luciane Vieira. Comecei a pesquisar como elas chegaram naquele corpo, o que faziam, o que comiam e imaginava que seria praticamente impossível ter um corpo como aqueles, mas decidi que iria tentar chegar o mais próximo possível. Como não fazia a mínima ideia por


Dr. Turíbio Leite de Barros Mestre e Doutor em Fisiologia do Exercício Membro do American College of Sport Medicine Ex-fisiologista do São Paulo Futebol Clube Coord. do Depto de Fisiologia do E.C. Pinheiros Publicou mais de 100 artigos científicos Responsável pela formulação dos produtos Midway

Dr. Dirceu Raposo Doutor em Análises Clínicas Mestre em Ciência da Saúde Membro da Academia Nacional de Farmácias Ex-Presidente da ANVISA Ex-Presidente do CRF-SP Responsável pelas análises e registros dos produtos Midway

Os laboratórios de Pesquisa e Desenvolvimento da MIDWAY INTERNATIONAL LABS® estão presentes nos quatro países (Estados Unidos, Áustria, França e Brasil) em que produzimos. Com mais de 250 produtos desenvolvidos, contamos com o intercâmbio tecnológico entre nossos centros de pesquisas e com as melhores matérias-primas encontradas no mercado internacional. A produção é automatizada, certificada e conduzida por especialistas em análise e controle de qualidade.

• 3W WHEY PROTEIN COMPLEX • ISO WHEY PROTEIN PURE • 100% WHEY Alimento protéico em pó para atletas | “Este produto não substitui uma alimentação equilibrada e seu consumo deve ser orientado por nutricionista ou médico.” “Não contém glúten” | “Não contém açúcares.” “Este não é um alimento com valor energético reduzido”

www.revistaendorfina.com.br

131


[ Ano4 | Número30 ] 2014

treino

132

onde começar, procurei um nutricionista esportivo, no caso Rodolfo Peres, e iniciei uma dieta altamente restrita em alimentos. Comecei também a levar a sério a musculação e procurei me informar o máximo possível sobre aquele estilo de vida, fazendo curso, lendo, e fui me envolvendo nesse universo fitness. Em apenas 5 meses de dieta e treinos realmente levados a sério já obtive um resultado muito bom. Poderia ter parado por ali e mantido o resultado, mas comecei a acompanhar os campeonatos, conheci pessoalmente as atletas, o que foi me motivando cada vez mais a continuar, e quando percebi já estava envolvida e apaixonada pela musculação, e a dieta já não era mais um fardo. Esse envolvimento me fez dar um passo a mais, então me preparei pra subir em um palco, deixei de ficar na plateia e virei atleta. O desafio de tudo isso não foi fazer dieta e nem treinar, o desafio foi conciliar isso na minha profissão. Sou aeromoça, ou seja, não tenho horário pra nada, fico horas dentro da aeronave, passo dias fora de casa, não treino na

“O desafio de tudo isso não foi fazer dieta e nem treinar, o desafio foi conciliar isso na minha profissão” mesma academia, fico longe do meu técnico, não durmo toda noite, etc. Então tive que ter muita determinação, persistência e organização, para encaixar os horários de treino e manter a dieta. Hoje já virou rotina, e mais, um estilo de vida que me faz muito feliz, e o que me motiva são os resultados e poder ajudar as pessoas que querem mudar mas precisam daquele empurrãozinho. Então quero lançar o desafio, vamos começar?

www.revistaendorfina.com.br

Coloque uma meta ou um objetivo, deixe isso onde você possa ver, por exemplo, na tela do celular, do computador ou num bloco de notas. Tenha inspirações e motivação, uma pessoa que você admira, um corpo especifico, uma roupa que você quer entrar. Qualquer coisa serve desde que te ajude a seguir adiante Mude seus hábitos alimentares, faça trocas inteligentes, carregue lanchinhos intermediários para não comer demais nas principais refeições, evite comer besteiras e passar mais de três horas sem comer. Inicie atividade física, faça o que gosta: musculação, corrida, luta, dança, pilates, natação. Faça com prazer, sinta-se bem fazendo isso e divirta-se. Se possível procure ajuda profissional como um bom nutricionista, um médico e um personal trainer para fazer um acompanhamento adequado e seguro sobre o que fazer de acordo com sua meta. Você verá que se fizer com alegria e fizer o que gosta irá muito além da meta que você achou difícil ou impossível no inicio.


treino

Treino: Segunda-Feira: perna completa Terca-Feira: superior, abdômen, aeróbico Quarta-Feira: panturrilha, aeróbico Quinta-Feira: perna completa Sexta-Feira: superior, abdômen, aeróbico Sábado: panturrilha e aeróbico Domingo: aeróbico, às vezes descanso A minha rotina não é nada fácil, passo horas dentro da aeronave e dias fora de casa, mas sigo minhas refeições independente do horário que acordo e faço meu treino após uma das refeições principais preferencialmente. Tenha disciplina e foco, e tudo virá ao seu tempo.

Dieta semanal: Café da manhã

Lanche da tarde

Omelete de claras Mamão papaya com aveia Suplementação alimentar

Frango Arroz integral

Jantar

Lanche da manhã

Peixe Legumes verde escuros

Frango com batata doce ou caseína com abacate

Almoço

Ceia

[ Ano4 | Número30 ] 2014

Frango ou peixe grelhado Arroz integral Salada

134

Pré treino

• Glutamina • BCAA • Vitamina C

Omelete de claras Castanha do pará

Pós treino www.revistaendorfina.com.br

• Whey Protein • BCAA • Glutamina


TECNOLOGIA EM NUTRIÇÃO PARA GARANTIR OS MELHORES RESULTADOS. Os produtos da Nutek oferecem o que há de mais puro e potente em suplementação esportiva a um preço justo.

marca exclusiva

COMPRE JÁ EM:


na academia

[ Ano4 | Número30 ] 2014

AldoFit 136

Por: Vanessa Dini

Rotina de atividades do campeão de MMA tem exercícios indoor, outdoor e até na água

www.revistaendorfina.com.br


Fotos – Divulgação

G

osta de MMA? Tem vontade de treinar como um verdadeiro dono de cinturão, mas sem todo aquele contato físico e risco de ferimentos das lutas? Quer saber como o José Aldo se prepara para o UFC? Agora você pode descobrir e treinar como o campeão dos penas, ai mesmo, na academia mais próxima à sua casa. O AldoFit é um programa de treinamentos da Upper Sports Marketing, desenvolvido por Orlando Folhes, preparador físico da Nova União, em parceria com José Aldo. Ele foi feito para pessoas que desejam melhorar suas condições físicas e conquistar hábitos de vida mais

saudáveis. Para ser ainda mais atrativo, o programa conta com três fases: indoor, outdoor e aquática. Os ambientes diferentes deixam o treinamento mais dinâmico e intenso, sem risco de lesões por contato. “O Eduardo Perdigão (diretor da Upper Sports Marketing) estava em Manaus quando teve a ideia e me telefonou perguntando se era possível pessoas não atletas treinarem como os atletas. Daí respondi que não tinha como treinar com a mesma carga e tempo, porém, que era possível treinar com os mesmos exercícios, gestos e tarefas. A partir daí surgiu a semente do AldoFit. Quando

www.revistaendorfina.com.br

137


na academia

[ Ano4 | Número30 ] 2014

ele regressou eu já tinha desenvolvido toda a metodologia baseado no camp do José Aldo”, conta Orlando Folhes. O MMA está em alta, e o sucesso do esporte gera curiosidade em relação ao treinamento dos atletas por parte dos fãs. Orlando explica que a falta do contato físico também faz parte do dia a dia de José Aldo. “Eu já trabalho com a utilização de exercícios específicos na preparação física de atletas há 11 anos, sempre foi motivo de curiosidade por parte de todos, atletas, profissionais esportivos e fãs. Então, organizei as mesmas sequências de exercícios e tarefas do Aldo, dentro do mesmo modelo de periodização que ele é submetido nas suas preparações para as lutas. O fato do MMA estar em alta ajuda na divulgação, porém, na preparação do Aldo, não há contato físico, as tarefas são desenvolvidas a partir do desmembramento de movimentos de luta que o atleta consegue realizar individualmente.”

138

A escolha do protagonista José Aldo nasceu em Manaus, no dia 9 de setembro de 1986. Campeão dos Pesos Penas do UFC, o atleta é especialista em kickboxing e jiu jitsu. Agora, ele

se torna uma referência ainda maior para pessoas do mundo todo. “A metodologia AldoFit foi desenvolvida para que todos tenham acesso ao MMA. Junto com meu preparador físico e o Eduardo Perdigão, conseguimos montar um método único e inovador para o mercado. Todos terão acesso aos meus treinamentos e terão um melhor condicionamento físico,” Aldo comenta. Orlando Folhes é o responsável pelos treinos de José Aldo, e o contato diário com o campeão foi fundamental na hora de escolhê-lo como personagem principal do programa. “O José Aldo é um grande ídolo do esporte, é o campeão

www.revistaendorfina.com.br

do maior evento de MMA do mundo, é simpático, carismático, um atleta popular com uma história de vida incrível, o que combina, pois o AldoFit não foi criado apenas para fins comerciais, nossa missão é levar a modalidade para todos os públicos”.

Fases do Treinamento A primeira fase de treinos é chamada de Aldo Force. Ela é realizada em uma sala de ginástica e conta com movimentos de chutes, socos, saltos, simulações de queda e de defesa. O foco está na resistência muscular, aeróbia, força e agilidade.


www.revistaendorfina.com.br

139


[ Ano4 | Número30 ] 2014

na academia

140

Essas habilidades de luta também são praticadas, com alto gasto calórico, no Aldo Fluid. O grande atrativo desta etapa é que ela é inteiramente realizada dentro da água, mas foge aos padrões das atividades tradicionais de ambientes aquáticos. Outra inovação trazida pelo programa é a fase Aldo Free. O treinamento é todo desenvolvido fora das academias, em solos arenosos, gramados e aclives, que trazem uma sobrecarga muito utilizada por Aldo para atingir a forma física ideal antes dos combates. Todas as fases devem ser ministradas por profissionais capacitados e a individualidade de cada pessoa deve ser respeitada durante todo o processo. “É muito gratificante ver, durante uma aula, um idoso ao lado de um adolescente, ao lado de um marombeiro que por sua vez esta ao lado da gatinha sarada. O idoso brinca com marombeiro que desafia o jovem e fica um clima de felicidade no ar. Nas aulas experimentais, nós tínhamos uma fila de espera de mais de 40 pessoas por aula. Os exercícios possuem adaptações para pessoas com limitações em

determinadas articulações, tudo foi cuidadosamente pensado”, Orlando explica.

Academias já podem adquirir o AldoFit Academias ao redor do mundo já podem obter os pacotes do AldoFit, tanto com as três fases, como separadamente.

www.revistaendorfina.com.br

Ao comprar o programa, estão inclusos o suporte e capacitação de todos os profissionais que estarão envolvidos no treinamento. As vendas acontecem pelo site www.aldofit.com. Orlando Folhes conta mais sobre o processo: “As academias interessadas entram em contato, nós apresentamos o método, as modalidades e as fases. Visitamos a academia, conhecemos o local das aulas, alinhamos os materiais e a partir daí enviamos uma ficha cadastral onde a empresa preenche e se credencia”. No final de março, aconteceu a preparação da primeira academia a receber o programa, a Upper, na zona sul do Rio de Janeiro. O local já possui o selo do AldoFit. “A empresa é muito recente e já estamos superando as expectativas. Não começamos com o plano de marketing mais forte ainda e já temos credenciados de renome. Para as empresas é muito interessante adquirir a metodologia, sua logo fica estampada nas mídias do Aldo, que tem um número de acesso diário enorme, além de ser um serviço diferenciado de tudo que o mercado fitness já viu. Durante esse primeiro ano, o foco será todo no território nacional, para então buscarmos o mercado externo”, Orlando finaliza.


www.revistaendorfina.com.br

141


endorfina em ação

15 a 17 de julho

25 a 27 de julho

25 a 28 de setembro

2013

31 de outubro a 2 de novembro

[ Ano4 | Número30 ] 2014

®

142

10 a 14 de janeiro de 2015

11º ENAF - BH | 15 a 17 de Agosto 1º ENAF - Guarapari/ES | 05 a 07 de Setembro 57º ENAF - Poços de Caldas/MG | 09 a 12 de Outubro

www.revistaendorfina.com.br


publicidade de Estabelecimentos Credenciados RJ Loja de Suplementos FFW -Academia Equipe x Fitness Endereço: Av. Santa Cruz, 310 Realengo - Rio de Janeiro – RJ CEP: 21710-232 E-mail: ravivalle@hotmail.com Tel: (21) 3437-6300 Loja de Suplementos FFW Capitão Teixeira Endereço: Rua Capitão Teixeira, 29 loja C - Realengo – Rio de Janeiro – RJ CEP: 21755-000 Tel: (21) 3437-6300 E-mail: ravivalle@hotmail.com Loja de Suplementos FFW Rua do Governo Endereço: Rua do Governo, 646 loja B – Realengo - Rio de Janeiro – RJ CEP: 21770-100 E-mail: ravivalle@hotmail.com Tel: (21) 3437-6300 Ipanema Pilates Endereço: Rua Visconde de Pirajá, 318 subloja 13 – Ipanema – Rio de Janeiro RJ CEP: 22410-000 Tel: (21) 3285-0532 E-mail: ipanemapilates@gmail.com VO2 Fitness Centro de Qualidade de Vida Endereço: Avenida Alberto Torres, 1001 - Parque Leopoldina Campos dos Goytacazes-RJ CEP: 28053586 Site: www.vo2fitness.anuncioemfoco. com.br E-mail: marcusfoliveira@hotmail.com Tel.: (22) 3055-5030

VO2 Fitness Academia Endereço: Rua Bento Faria da Paz, 663 - Parque Nova Brasília Campos dos Goytacazes-RJ CEP: 28055224 Site: www.vo2fitness.anuncioemfoco. com.br E-mail: marcusfoliveira@hotmail.com Tel.: (22) 3055-0144

SP Academia Central Park Endereço: Al. Ministro Rocha Azevedo, 523 – Jardim Paulista – São Paulo – SP CEP: 01410-001 Site: www.academiacpark.com.br E-mail: academia@cpark.com.br Tel: (11) 3061-1154

GO Academia Muscle Training Endereço: Av. Assis Chateaubriand, 983 -Setor Oeste – Goiânia – GO CEP: 74130-011 E-mail: toninho-pinheiro@hotmail.com Tel: (62) 3214-1296 | (62) 3215-2859

MG Clínica Imanishi Endereço: Rua Dr. Silvestre Ferraz , 1093 - bairro BPS – Itajubá-MG CEP: 37500-054 Site: www.imanishi.com.br E-mail: atendimento@imanishi.com.br Tel: (35)3622-7282 Livraria Colmed Minas Endereço: Rua Paraíba, 319 - Poços de Caldas-MG CEP: 37701-022 TEL.: 35 3721-9145 E-mail: colmedminas@uol.com.br

RS Academia Platinum Fitness Endereço: Rua General Caldwell, 1226 – Azenha - Porto Alegre – RS CEP: 90130-050 Tel: (51) 3737-5669

SC Aura Vita Endereço: Rua Lauro Muller, 189 – Centro – Itajaí-SC CEP: 88301-400 Site: www.auravita.com.br Tel.: (47) 3348-8413

DF Academia Corpus Bellus Endereço: Cond. Fraternidade, Comércio, Lt. C-2 Sobradinho- DF CEP: 73092-912 Facebook: www.facebook.com/ AcademiaCorpusBellus Tel.: (61) 3485-9745

PR X-Port Suplementos e Nutrição Esportiva Endereço: Av. Paraná, 5392 - Zona II – Umuarama-PR CEP: 87502-000 Tel.: (44) 3056-6888 Site: www.xportsuplementos.com.br

PE Mega Vitaminas Endereço: Av Herculano Bandeira, 513 – Galeria Joana D’Arc – Pina – Recife-PE CEP: 51110-130 Tel.: (81) 3033 2233 Site: www.megavitaminas.com.br E-mail: contato@megavitaminas.com.br

Torne-se um ponto de venda. Entre em contato pelo e-mail : ccorso@revistaendorfina.com.br ou pelo tel.: 11 3227-9555 e conheça as vantagens

www.revistaendorfina.com.br


fitness shop: endorfina indica MAXIMUM WHEY da MHP Para quem busca uma nova opção de suplemento pós-treino, a Nutri Import, importadora exclusiva das marcas MHP, apresenta ao Brasil o Maximum Whey. Com alto valor biológico, apoia a construção e recuperação muscular de forma rápida e eficiente. O suplemento que dispõe de 25g de proteína de rápida absorção contém, em sua fórmula, aminoácidos fundamentais que contribuem para nutrição muscular e proteína do leite da melhor qualidade que é duplamente filtrada com um delicioso sabor de milk-shake. De fácil digestão, está disponível nos sabores chocolate e baunilha, em 2lbs e 5lbs, com custo de R$179,00 e R$349,00, respectivamente. Mais informações: www.mhpbrasil.com.br

L-Carnitina líquida, natural e vegetal Da Dynamic Lab chega ao mercado a L-Cdyn Liquid. Elaborada com a mais pura L-carnitina, é um aminoácido não essencial que ajuda a manter uma boa saúde, facilitando a queima de gordura porque a transforma em energia. Embora comumente encontrada na carne vermelha, L-Cdyn Liquid é 100% natural, de origem vegetal e fornece 2000mg de L-carnitina por shot, em refrescante e delicioso sabor de limão. Mais informações: www.dynamiclab.com.br

Blend com 10 proteínas O mais novo lançamento da Midway, 10 True Protein fornece em sua exclusiva fórmula uma combinação de 10 diferentes tipos de proteína, garantindo um balanço positivo de aminoácidos, com liberação gradual para o organismo. Contém ainda 10 minerais e 13 vitaminas. Um suplemento diário completo para atletas de alta performance e praticantes de atividade física intensa, disponível no sabor baunlinha, em pote de 1kg, com preço de R$66,90. Mais informações: www.midwaylabs.com.br

Barrinha de cereal proteica

[ Ano4 | Número30 ] 2014

A Integralmédica, líder do mercado brasileiro de suplementos nutricionais, chega com a Protein Crisp, inovadora barrinha de proteínas crocante, nos deliciosos sabores Romeu e Julieta, Trufa de Avelã, Torta de Limão e Doce de Coco. A combinação da Protein Crisp maximiza o ganho de massa muscular e melhora o desempenho esportivo. A Protein Crisp faz parte da linha Body Size, que leva o selo oficial de produto oficial do UFC, e é uma excelente fonte de nutrientes, numa combinação perfeita de carboidratos e proteínas com baixo índice calórico. A barrinha de 45g contém 13g de proteína, e é ideal para as refeições intermediárias. Mais informações: www.integralmedica.com.br

144

Corpo definido, melhora do bom humor e bem-estar em tabletes Para se obter um corpo definido e se livrar do excesso de gordura, é preciso estimular a aceleração metabólica e acabar de vez com o sedentarismo. Pensando nisso, a Arnold Nutrition® traz agora o ThermoFire® - Green Coffee Beans, que possui uma combinação precisa de nutrientes e uma nova tecnologia em agentes metabólicos e energéticos. São grãos de café verde sem torrar na fórmula, que, se ingeridos diariamente aliados à uma alimentação saudável e prática de exercícios físicos, ajudam a emagrecer. Disponível na versão de 120 tabletes, o produto dá a sensação de satisfação completa, melhorando o bom humor e bem-estar. Mais informações: sac@americandistribuidor.com.br

www.revistaendorfina.com.br


A Fórmula de Craque disponível para todos

Treinador de pulso completo Para os fãs de corrida chega ao mercado um relógio completo com GPS, com o qual é possível aprimorar os treinos e mensurar o condicionamento físico de forma objetiva. Lançado pela Garmin do Brasil, o Forerunner 620 será seu assistente de recuperação, informando previsão de término da corrida e estimativa de VO2 max (volume de oxigênio) corporal para ajudar a obter um treino mais inteligente e eficaz. O usuário terá um grande indicador da sua capacidade atlética. É possível transferir e compartilhar os dados obtidos via Garmin Connect Mobile, aplicativo compatível a smartphones, além de poder ver seu percurso em um mapa, analisando seu treino e definindo metas junto. Mais informações: www.garmin.com.br

Após dois anos de estudos com a Seleção Brasileira que resultou em fórmulas individuais para cada atleta, Gatorade aprendeu ainda mais sobre futebol e reforçou o seu combustível. A Fórmula de Craque chega ao mercado brasileiro em dois novos sabores: framboesa e manga verde, e trarão como edição especial as temáticas “Força”, e “Ousadia”, respectivamente. Na fórmula contém maltodextrina e sacarose como uma das fontes de carboidratos da bebida. Além de uma alternativa de hidratação, continuará oferecendo combustível para a musculatura ativa durante o exercício. Permite maior oxidação de carboidrato e minimiza possíveis riscos de desconforto gástrico. Mais informações: www.gatorade.com.br

Leve e com muito estilo A Mizuno, marca líder em running performance no Brasil, apresenta a nova versão do Wave Creation, modelo mais vendido pela marca no país. Pesando 320 gramas, o Wave Creation 15 é 20 gramas mais leve que sua versão anterior. É ideal para pessoas que querem o máximo de amortecimento possível durante a corrida. A nova Placa Wave garante mais amortecimento e incrível flexibilidade. No design do calçado foi usada uma moderna interpretação da arte Shibori, que consiste em mergulhar o tecido previamente preparado para ser tingido em apenas alguns lugares. O resultado disso aparece quando o tecido é aberto, com manchas assimétricas, que trazem estilo e inovação ao calçado.

Creatina é indicada para exercícios de alta intensidade Em forma de tablete chega a Creatine Ethyl Ester (CEE), da New Millen. De fácil ingestão com absorção avançada, é indicada para ser consumida antes do início do treino. A creatina ajuda no fornecimento de energia para os músculos, sendo mais eficiente em exercícios de alta intensidade e curta duração, como o CrossFit. A CEE penetra diretamente na célula do músculo, resultando em 30 a 40 vezes mais creatina funcional. Gera-se menos inchaço, dores e desidratação ao atleta. Embora seja uma atividade superior a 30 minutos, o CrossFit varia entre alongamento, técnica e o treino intenso, com duração de cerca de 20 a 30 minutos. É nesse momento que a creatina contribuiria com a melhora da resistência física. Preço sugerido: R$ 42,00. Mais informações: www. newmillen.com.br

www.revistaendorfina.com.br

145


comportamento

O desafio de realizar um grande

evento

esportivo

[ Ano4 | Número30 ] 2014

N

146

os dias atuais, torna-se mais difícil a realização de eventos em nosso país, não só por causa das dificuldades financeiras, mas também por uma série de outras dificuldades, que vão desde a burocracia, até a descrença de pessoas que torcem pelo seu fracasso. Mas o grande desafio é superar todas estas dificuldades e alcançar o sucesso, e para isso é necessário que você faça o que é certo e de maneira eficiente. O começo de tudo deve ser a busca de informações sobre o mercado pelo qual você escolheu fazer o evento. Levantar o número de empresas e profissionais ou pessoas que existem na região de atuação que poderão participar do evento, analisar se o tema em questão é capaz de levar milhares de pessoas ao local escolhido. Você deve buscar todas as informações possíveis para ter um panorama geral do segmento. Outra dica importante é visitar eventos similares em outras regiões, fazer visitas técnicas em eventos, inclusive no exterior. Isso ajudará a ter mais ideias de inovações que você poderá incluir em seu evento. Conversar com realizadores de eventos similares também ajuda.

De posse de todas estas informações, você deverá fazer um business plan (plano de negócios) onde levantará todos os custos do evento, valor de locação, preço do plano de mídia de divulgação, contratações, impostos, montagem de espaços necessários e outros. Este plano de negócios deverá ser bem amplo, pois uma falha poderá acarretar um grande prejuízo, e você poderá inclusive deixar um valor já provisionado para algo que esqueceu, entre 10% e 20% do valor total do evento. Levantados todos os custos, chegou a hora de fazer um levantamento de cenários de arrecadação de valores, ou seja, quais são as fontes possíveis de arrecadação deste evento, inscrições, venda de ingressos, patrocínios, apoios, venda de feira e outros. A parte mais importante vem agora: cruzar os dados de custo com os de arrecadação, e lógico que a arrecadação deverá ser maior do que os custos. Caso isso não ocorra, e os custos sejam maiores que a previsão de arrecadação, deve-se voltar aos números e verificar quais orçamentos podem ser reduzidos, pois o evento só deve ser realizado se houver

www.revistaendorfina.com.br

perspectiva de lucro. Dica: as dificuldades serão muitas, mas só alcança o sucesso quem não desiste e as supera. Em qualquer área é assim. Esteja preparado! Quanto mais preparado você estiver, mais sorte você terá.

Fabio Padilha Da Costa Profissional de educação fisica – CREF-DF: 613- G - Universidade Católica Brasília Sócio-diretor da rede de academias Runway - Brasília/DF Presidente da BSB Fitness Eventos – realiza Brasilia Capital Fitness e Goiânia Capital Fitness há 20 anos.


Profile for Revista Endorfina

Revista Endorfina Ed. 30, Especial Aniversário 5 Anos  

Capa Hulk Na Academia: O Método de treinos do José Aldo, campeão do UFC. Cross Runner: Conheça o treinamento funcional do corredor Brasil...

Revista Endorfina Ed. 30, Especial Aniversário 5 Anos  

Capa Hulk Na Academia: O Método de treinos do José Aldo, campeão do UFC. Cross Runner: Conheça o treinamento funcional do corredor Brasil...

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded