Page 1

mercadoeeventos.com.br

REPORTAGEM ESPECIAL

Marketing e Turismo

Outubro/2016 - 2ª quinzena - Ano XIV - Nº 306 - Tiragem: 17.120 exemplares

Como as mudanças do marketing afetam a promoção de destinos e produtos ligados ao Turismo? O M&E conversou com especialistas para responder a esta pergunta e mostrar as características do novo consumidor de viagens. Página 15 Entrevista Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Colômbia

Rogério Siqueira

1

Beto Carrero World completa 25 anos com muitas novidades. Página 3 Agenda

Confira os detalhes do Festival deTurismo de Gramado e da WTM, os dois grandes últimos eventos do ano. Página 22

Brasil

País mostra atributos para eventos e incentivos Com estrutura e conectividade, Bogotá, Medellín e Cartagena avançam no segmento Mice. Páginas 10 e 11 Brasil

Cruzeiros Rio de Janeiro inaugura Turis Arte

Costa Cruzeiros leva temáticos para o Caribe Armadora realizará o seu tradicional Dançando a Bordo em um roteiro que parte de Fort Lauderdale, nos Estados Unidos, em janeiro. Página 16

Espaço reúne artesanatos de todas as regiões do estado e quer ser mais uma ferramenta de promoção do destino. Página 6 Carlinhos de Jesus entre Francisco Ancona e Dario Rustico, da Costa

Nea Mariozz e Nilo Sérgio Felix, da Setur-RJ

Corredores lotados durante a FIT 2016

Evento teve como mote o novo momento do Turismo do país vizinho. Governo dá demonstrações de que o setor será prioridade. Páginas 18 e 19

Hiper Feirão Flytour supera metas em Santos

Hiper Feirão Flytour recebeu mais de 27 mil visitantes

5

Aviação

Gol estreia serviço de Wi-Fi a bordo

8

Aviação

United aumenta oferta entre Washington e GRU

9

Agências e Operadoras

Reservas confirmadas da CVC 12 crescem 4,2% Hotelaria

Feiras e Eventos Parceria entre Brasil e Argentina é destaque na FIT

SC espera 1,4 milhão de argentinos no verão

Evento chega a sua segunda edição e soma mais de 5 mil pacotes comercializados. Operadora já pensa em levá-lo para outras cidades em 2017. Página 20

Argentina anuncia diversas ações promocionais para o mercado brasileiro. Página 17

Infinity Blue teve 17% mais reservas em 2016

13

Hotelaria

Le Canton ganha 30 apartamentos e anuncia Spa Hotelaria

13

AM Resorts fechará o ano com 11 novos empreendimentos 14


2 Outubro de 2016 - 2ª quinzena


Entrevista

Beto Carrero 25 anos: a receita do sucesso para os parques temáticos no Brasil Luiz Marcos Fernandes

M&E – Como analisa a situação dos parques temáticos no país. Existe uma compreensão da importância deste segmento por parte do Governo? E em relação a carga tributária dos equipamentos importados? Até que ponto isso atrapalha o crescimento do setor? Rogério Siqueira - Eu diria que a primeira coisa a se fazer é saber diferenciar os parques temáticos dos parques itinerantes. Veja como o Beto Carrero World contribuiu efetivamente para que a região de Penha, Navegantes , Balneário Camboriú e Itajaí se tornasse um destino turístico. Já existe um novo olhar por parte do legislativo sobre a importância do nosso setor. Temos tido o apoio da Embratur, por meio do seu presidente Vinícius Lummertz, da Associação do Sindepat, com o Alain Baldacci, e da própria Comissão de Turismo da Câmara, com o deputado Herculano Passos. Todos eles têm contribuído por meio de ações e medidas para para fomentar do setor. O Governo tem que entender que nossos equipamentos importados e até a manutenção dos parques é cara e os altos impostos são um impasse. É preciso se fazer uma análise correta que nos possibilite ser mais competitivos e isso passa por uma equiparação dos tributos. M&E – Qual o objetivo do lançamento do projeto “O Sul é meu Destino” como programa de integração e fomento do turismo regional? Rogério Siqueira – Temos que explorar o nosso potencial para o segmento corporativo de modo a atrair eventos nacionais e internacionais para a nossa região. Contamos com excelentes equipamentos e centros de convenções como os localizados em cidades como Florianópolis, Curitiba, Gramado e agora Balneário Camboriú, que está ganhando também o seu espaço para eventos. A ideia de lançar o projeto nesta próxima edição do Festuris é buscar junto a iniciativa privada a criação de um programa cujo objetivo é fomentar o turismo regional, tanto de lazer como de negócios, por meio de um programa integrado pelos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul com a coordenação dos Conventions, apoio dos governos estaduais e das companhias aéreas.

M&E – O que representa a data comemorativa dos 25 anos deste complexo? Como será a programação festiva do evento? Rogério Siqueira – A comemoração

dos 25 anos é o coroamento de todo um trabalho iniciado há mais de duas décadas baseado no profissionalismo e no modelo de gestão iniciado pelo Belo Carrero onde não nos limitamos a conquista de bons resultados, mas num programa de investimentos permanente, sempre com novas atrações. As comemorações serão abertas oficialmente no dia 28 de dezembro quando faremos uma festa para convidados com a participação de artistas, funcionários e toda a diretoria. No dia 29 teremos um grande evento com o Festival Mix de música sertaneja. A partir de janeiro, e durante todo o ano de

AnuncioMercadoeEventos_Icapui 21 x 28_titulo_2.pdf

1

05/10/16

15:13

Rogério Siqueira, do Beto Carrero World

2017, teremos sempre um evento surpresa relativo a data comemorativa, cuja programação será divulgada posteriormente. Em algumas datas específicas o parque terá seu funcionamento ampliado de 10 horas para 12 horas. Será uma grande festa com muitas atrações, novidades e promoções para o público.

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

De um lado o sucesso do Beto Carrero World, que deve fechar o ano com 2 milhões de visitantes e comemora 25 anos de sucesso ininterruptos. De outro, o Hopi Hari que teve sua falência decretada com uma dívida acumulada de R$ 330 milhões. O diferencial destas duas situações opostas tem muitas razões, mas pode começar até mesmo pelo modelo de gestão. De acordo com Rogério Siqueira, presidente do Beto Carrero World, a receita do sucesso do maior parque temático da América Latina começa pela continuidade do ideal semeado pelo seu fundador, o empresário João Batista Sérgio Murad, o Beto Carrero.

Lembro que o interesse das empresas aéreas para abertura de novas rotas está sempre baseado na movimentação do turismo de negócios. O lazer abre espaço apenas sazonal e o Beto Carrero World tem feito um trabalho no sentido de reduzir essa sazonalidade. Teremos, no dia 19 de novembro, um seminário no parque onde pretendemos discutir medidas para fomento do turismo corporativo.

3


Turismo em dados

Por uma nova Embratur

4

Apesar do crescimento do turismo internacional em 60%, registrado desde a criação do Ministério do Turismo em 2003, e do aumento de 140% nos últimos 13 anos das reservas cambiais, com a entrada de divisas do turismo internacional, é preciso que o atual Governo venha adotar uma série de medidas no sentido fortalecer o setor, que já deu provas do seu imenso potencial com a realização dos últimos megaeventos. Neste contexto, há que se destacar a importância de rever o papel da Embratur como principal órgão de fomento do turismo internacional. Por mais empenho e dedicação que se tenha, a atual direção não tem como implementar um amplo programa estratégico de ações promocionais nos principais destinos emissores. A falta de recursos faz com que a entidade se limite a ações pontuais emergenciais. Às vésperas de mais uma temporada de verão, o país perde mais uma oportunidade de implementar ações de maior magnitude nos países emissores do Cone Sul. É importante tornar a Embratur mais competitiva junto aos principais destinos concorrentes. Sem uma mudança no atual modelo de gestão, o Instituto Brasileiro de Turismo, que completa 50 anos no próximo mês, não terá como se modernizar e aumentar seu grau de competitividade junto ao mercado por meio de parcerias público-privadas. Sem uma revisão do atual plano de cargos e salários, não há como preservar uma equipe de profissionais de alto gabarito técnico. Sem escritórios no exterior, por

meio da presença de funcionários em alguns mercados estratégicos, não há como promover negociações diretas que possam efetivamente contribuir para um maior fortalecimento do turismo internacional em nosso país. Mais do que nunca o fortalecimento do turismo está associado a ideia de um novo modelo para a Embratur. O apoio do Legislativo também é essencial para conseguir mais recursos ao setor. Há que se buscar apoio para a emenda parlamentar para o orçamento de 2017, a ser encaminhada pela Embratur à Comissão de Turismo no valor de R$ 300 milhões. A aprovação da mesma, ainda que em valor menor, será de fundamental importância para que o legado da Olimpíada ganhe maior projeção por meio de novas ações e projetos. Não restam dúvidas que o país ganhou uma maior visibilidade no cenário internacional. Mas, se não houver uma continuidade, corre-se o risco de, em pouco tempo, restarem apenas boas lembranças das conquistas alcançadas. Não há como deixar de lado o uso das novas tecnologias e redes sociais direcionadas ao público final. É necessário também criar facilidades de acesso como a flexibilização dos vistos. Só assim poderemos fazer desta grande indústria um produto de exportação a ser colocado na prateleira das principais operadoras internacionais e contar com uma Embratur capaz de desempenhar, com mais competência e resultados, o papel para a qual foi criada.

Luiz Marcos Fernandes Em setembro, a intenção de viagem do brasileiro para os próximos meses atingiu o maior percentual do ano, 24,3%. O dado do estudo Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem, do Ministério do Turismo, apresenta um crescimento de 8% em relação ao mês de setembro do ano anterior. Para 80,3% dos futuros viajantes, a ideia é desbravar os destinos nacionais e desfrutar de belos cenários naturais, rica gastronomia e manifestações culturais. O estudo também revela que a Região Nordeste segue como a mais desejada por estes turistas, com 48% das preferências. Este índice representa um crescimento de 23% no desejo de visitar os destinos do Nordeste. A Região Sul ficou em segundo lugar com 25,3% das intenções de visita, seguida pelo Sudeste (19,2%), Centro-Oeste (4%) e Norte (3,5%). “Hoje, cerca de 60 milhões de brasileiros viajam pelo país, mas há ainda 70 milhões prontos para entrar nesse mercado. O fortalecimento do doméstico em suas múltiplas formas - negócios, ecológico, esportivo, cultural, religioso - é um caminho que precisa ser explorado”, afirmou o ministro do Turismo, Marx Beltrão. Em relação aos meios de hospedagem, 46,3% dos brasileiros que manifestaram intenção de viajar desejam hospedar-se em hotéis e pousadas durante a viagem dos próximos seis meses. A segunda opção mais desejada pelos viajantes foi a casa de parentes e amigos (42,5%), seguida pelos meios de alternativos de hospedagem que somaram 11,2% das preferências. Outro destaque do levantamento do Ministério do Turismo revela que a intenção de viajar de avião nos próximos meses cresceu 9,6% em relação ao mesmo período do ano anterior, registrando o índice de 56,8% das preferências dos potenciais turistas. O automóvel foi o segundo meio de transporte preferido para a próxima viagem com o índice de 30,4%, seguido pelo ônibus com 11,3%.

Roy Taylor é jornalista, publicitário e CEO do MERCADO & EVENTOS

Otimismo x atitude Anderson Masetto Uma leve curva ascendente nas vendas. Uma Abav Expo repleta de agentes de viagens ávidos por novidades. Indicadores em alta. Estes são alguns dos fatores que fizeram com que o mercado ficasse eufórico nas últimas semanas. Uma pesquisa do Ipeturis, encomendada pelo Sindetur-SP, mostrou que 79,6% das empresas do setor de agenciamento acreditam em uma recuperação do mercado em 2017. Ao mesmo tempo, a CVC registrou uma alta de 4,2% em suas reservas confirmadas nos primeiros nove meses do ano. Boas notícias? Claro. Mas elas não têm efeito automático. Podemos observar que algumas companhias aéreas internacionais já frearam a queda de oferta, que operadoras como a CVC seguem crescendo, mas a realidade para as agências de viagens é um pouco diferente. Há sim um movimento de retomada, mas para surfar nesta onda é necessário muito mais do que ter as portas abertas. O consumidor vem mudando ao longo das últimas décadas e a atual crise fez com que este processo acelerasse ainda mais.

A percepção de valor e identificação de quem compra passou a ter uma importância muito maior. Não apenas os viajantes, mas os clientes no geral estão muito mais exigentes. Para converter este otimismo do mercado em vendas, é necessário muito trabalho e criatividade. É preciso, cada vez mais, entender o cliente e estar disposto a agregar valor aos produtos, pois este consumidor está cada vez mais crítico e seletivo. Houve um tempo, não muito distante, em que a prateleira das agências de viagens no Brasil englobavam commodities que eram vendidas como diferenciados. Hoje isso não é mais possível. Um consumidor cada vez mais informado e viajado pede um agente de viagens com vasto conhecimento e que possa, verdadeiramente, ser um consultor. O otimismo pode nos levar a zona de conforto e o processo de retomada pode se tornar inviável para quem ficar parado. Anderson Masetto é jornalista, pós-graduado em Comunicação Jornalística e editor-chefe do Mercado & Eventos

GRÁFICO 01 INTENÇÃO DE VIAGEM EXPECTATIVA DE VIAGEM POR FAIXAS DE RENDA FAMILIAR PARA OS PRÓXIMOS 6 MESES - SETEMBRO DE 2015 E DE 2016 50

44,7

45 Intenção Posi�va de Viagem (%)

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Roy Taylor

Intenção de viagem dos brasileiros segue crescendo e doméstico tem a preferência

42,0

40 35 30

27,2

25

22,7

20 15 10

14,5 15,0 9,5

8,9

5 0

Até R$ 2.100

Fontes: FGV e MTur

R$ 2.101 a R$ 4.800 SET 2015

R$ 4.801 a R$ 9.600 SET 2016

Acima de R$ 9.600


Brasil

Operação Verão em Santa Catarina espera 500 voos charters e 1,4 milhão de argentinos Luiz Marcos Fernandes

Alagoas lança campanha para a temporada de verão

Helder Lima e Paulo Kugelmans

Luiz Marcos Fernandes Alagoas apresentou sua nova campanha que tem como slogan “Alagoas te faz feliz”. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima, a campanha traz consigo uma série de novidades e ações para incrementar o turismo nesta temporada de verão. “Estamos trabalhando também um novo aplicativo para celulares, que possibilita conectar informações turísticas de Maceió e outros destinos. Além disso, também estamos lançando um portal mais interativo e que foi apresentado neste mês”. destacou. O dirigente também confirmou os novos voos procedentes da Argentina rumo a capital alagoana. “Tivemos um incremento de 45% no fluxo de argentinos em pernoites no primeiro semestre e, a partir de janeiro, teremos um voo direto de Buenos Aires para Maceió com a Gol, além de uma rota interligando Córdoba a Maceió”, explicou. Em relação a novos empreendimentos hoteleiros, ele confirmou a inauguração de mais três hotéis neste verão, sendo um Intercity, um do Grupo Salinas e o terceiro da rede Maceió Mar.

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Santa Catarina continua a ser o destino preferido dos argentinos. E neste próximo verão, com o reforço dos charters da Gol e Aerolíneas nas rotas de Navegantes para Buenos Aires e Córdoba, o volume promete ser ainda maior. Há ainda o turismo rodoviário. Apenas uma empresa catarinense, a Flecha Bus, encomendou 80 veículos double decks à Marco Polo para este período. De acordo com Valdir Walendowsky, presidente da Santur, foi montada toda uma operação de receptivo para atender

o grande fluxo de turistas. “No ano passado foram 1,2 milhão de argentinos na temporada e este ano devemos chegar a 1,4 milhão”, acredita. O dirigente confirmou que apenas uma operadora de Córdoba, a TN Turismo, já registrou um incremento de mais de 30% na venda de pacotes aéreos e rodoviários. “Será, sem sombra de dúvidas, a melhor temporada dos últimos anos. Estamos também apostando na Serra Catarinense como produto turístico consolidado pelas excelentes pousadas e hotéis de turismo rural. Já superamos a marca de 500 charters da América do Sul”, explicou.

Valdir Waldendowsky

5


Brasil

Setur-RJ apresenta espaço TurisArte: o artesanato como produto turístico Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Luiz Marcos Fernandes

6

O artesanato fluminense como produto de promoção, comercialização e geração de empregos. Com este objetivo, a Secretaria de Turismo do Rio de Janeiro, em parceria com Furnas, apresentou a programação da TurisArte, espaço inaugurado no bairro de Botafogo cujo objetivo é divulgar e explorar o segmento como produto turístico. Cerca de 50 convidados participaram da apresentação do novo espaço - que funciona na rua Real Grandeza, 29 onde puderam conhecer uma mostra de produtos criados por artesãos ca-

dastrados de 26 municípios. A coordenadora do projeto, Nea Mariozz, subsecretária adjunta de Turismo, lembrou que o objetivo é oferecer não apenas oportunidade do setor se organizar, como também adquirir uma identidade própria. “Temos 92 municípios com artesãos e nossa ideia é difundir os produtos nas cidades. Já temos 7.771 artesãos cadastrados e seis projetos em andamento. O próximo passo será criar o Conselho Estadual de Artesanato e ações como o programa itinerante divulgado no caminhão do artesão. Outros planos são a realização de uma Feira de Artesanato estadual e até a criação de uma

Apresentação ao trade do novo espaço

3 a 6 de novembro 2016 Nea Mariozz e Nilo Sérgio Felix, da Setur-RJ com Cristina Fritsch, da Abav-RJ

premiação aos melhores trabalhos”, adiantou. O secretário estadual de Turismo, Nilo Sérgio Felix, afirmou que o artesanato fluminense é mais um produto a ser divulgado no mercado doméstico e internacional. “Nossa ideia é contribuir para que a arte do estado possa ser mais um produto turístico. Para isso, abrimos este espaço”. Campanha - Uma grande campanha de marketing no valor de R$ 12 milhões com recursos do Prodetur-RJ, a serem liberadas pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento, está pronta para ser colocada nos mercados doméstico e internacional. O objetivo é divulgar o potencial turístico do estado.

www.festurisgramado.com Fachada da TurisArte

facebook.com/festuris

Patrocínio

Transportadora Aérea Oficial

vimeo.com/rossiezorzanello

Realização

Membro Afiliado

Ateliê com obras dos artistas fluminenses


Florianópolis – Santa Catarina turismo.gov.br

Continue vivendo experiências incríveis no nosso país. Viaje.

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Ganhar umBronze

7

Os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 acabaram, mas os brasileiros podem viver ainda momentos mais espetaculares no nosso país. Divulgue nossos destinos e mostre como viajar pelo Brasil pode ser inesquecível.

#vivadeperto


Aviação

Gol estreia Wi-Fi a bordo e investe para ter entretenimento mais completo do mundo

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Aline Costa

8

A Gol Linhas Aéreas estreou o Wi-Fi a bordo no início do mês. A companhia projeta que todas as suas aeronaves estejam prontas para oferecer o serviço aos passageiros até 2018. O primeiro avião foi preparado em Miami e levou cerca de um mês para ficar pronto. Os demais serão programados no Brasil e, gradativamente, o tempo para que elas estejam prontas será menor, devendo chegar a cerca de uma semana. “Já neste mês de outubro concluiremos a implantação do sistema ‘gate to gate’. Ou seja, diferentemente do que

ocorreu neste primeiro voo, quando só foi possível usar o Wi-Fi com o avião no ar, o passageiro poderá acessar o serviço já no portão de embarque”, explicou o presidente da Gol, Paulo Kakinoff. Esse trabalho está sendo feito pela equipe do Centro de Manutenção da Gol, em Confins (MG), responsável pela instalação do sistema, já homologado pelo Federal Aviation Administration (FAA, em inglês) – entidade governamental dos Estados Unidos de regulamentação da aviação civil, e pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Acompanhada dos engenheiros e técnicos da companhia, apenas a instalação da antena na pri-

O presidente da companhia, Paulo Kakinoff, auxiliou os passageiros durante o primeiro voo com Wi-Fi a bordo da companhia

Paulo Miranda, diretor de Produtos, e Paulo Kakinoff, presidente da Gol

Agente de viagem, você é nosso convidado para um evento inédito no turismo. Experiências sensoriais, capacitações e gastronomia tudo num só dia, num só lugar. Venha conhecer as novidades das melhores operadoras brasileiras e viver um mundo de sensações. Na ocasião serão premiados os agentes com melhor desempenho na campanha Passaporte Braztoa. 25/10 - Costão do Santinho - Florianópolis - SC 10/11 - CNTC - Brasília - DF 16/11 - Hotel Tivoli Mofarrej - São Paulo - SP

Informações e inscrições gratuitas em www.braztoa.com.br/experiencia

Patrocínio

Apoio

meira aeronave foi feita em Miami, nos Estados Unidos, pela equipe da Gogo, empresa de soluções de banda larga durante o voo. Entretenimento - A Gol deseja ser a companhia aérea com o sistema de entretenimento mais completo do mundo. Por isso, além do Wi-Fi a bordo, vai disponibilizar um portal com acesso a filmes e seis canais de TV. O pacote completo de opções estará acessível a partir do primeiro trimestre de 2017. Ele afirmou que nenhuma outra aérea do mundo oferece tantas opções ao passageiro. A experiência – O M&E esteve a bordo do primeiro voo com Wi-Fi da Gol. Decolamos de Congonhas, em São Paulo, com destino a Brasília às 10h45 com um discurso de Kakinoff, que foi transmitido ao vivo pelo Facebook da companhia. Nesta primeira fase, é possível acessar redes sociais, e-mail e diversos sites. Já a partir de 20 de outubro, os passageiros terão acesso a programação por streaming e mais opções de entretenimento. “Este é um marco para aviação, foi um voo histórico. Nosso Wi-Fi já está funcionando, não se trata de uma fase de testes”, disse. Polêmica - Questionado se a Avianca teria passado à frente da Gol neste serviço, o executivo disse que o acesso à internet da concorrente ainda está passando por testes e que não foi disponibilizado ao cliente. A Avianca não respondeu a provocação, mas reiterou que possui aeronaves em operação com Wi-Fi desde setembro. O serviço da Gol será gratuito por seis meses. Depois, o preço cobrado em voos de cerca de uma hora e meia poderá variar entre US$ 5 e US$ 20, dependendo do pacote contratado.


Aviação

Emirates e Gol protocolam acordo de codeshare que envolve mais de 25 destinos Anderson Masetto

Stephan Perard, da Emirates, entre Ciro Camargo, da Gol, e Carlos Mauad, do Smiles

estes destinos dependem de acordos bilaterais, o que envolve um tempo maior para aprovação das autoridades. “Temos total interesse em ampliar para outros países, mas o processo é mais moroso e burocrático. Portanto, para agilizar o acordo, focamos inicialmente nos destinos domésticos”, explicou Camargo. Os passageiros da aérea brasileira terão uma série de destinos operadora pela Emirates como opção, incluindo Índia, África e diversos destinos do Oriente Médio. “Neste primeiro momento, a Emirates pode colocar o seu código nos voos da Gol. Nosso foco é

ter certeza de que os passageiros da Emirates embarcarão conosco sem inconvenientes para o seu destino final no Brasil”, destacou o gerente de Alianças da Gol. Milhas - A parceria também envolve os passageiros frequentes das duas companhias. Os membros dos programas Skywards, da Emirates, e Smiles, da Gol, poderão acumular e resgatar milhas em voos das duas empresas. “Isso nos forma como líderes junto aos clientes de alta renda. Colocamos à disposição da Emirates nossos 12 milhões de clientes”, disse Carlos Mauad, diretor Comercial do Smiles.

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Até o final deste mês, Gol e Emirates darão início a um acordo de codeshare que envolve voos da companhia brasileira para mais de 25 destinos. A parceria foi protocolada no início de outubro e depende do aval da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Com o acordo, os passageiros poderão reservar voos de diversos destinos, incluindo as capitais Porto Alegre, Salvador, Belo Horizonte, Curitiba e Brasília e fazer conexão em São Paulo ou Rio de Janeiro em voos da Emirates com uma única reserva, check in e verificação de bagagem. “É o início de uma grande parceria. Para nós é muito valioso ter a marca atrelada a Emirates, uma das líderes deste setor”, afirmou Ciro Camargo, gerente de Alianças da Gol, reiterando que a companhia Árabe é muito criteriosa com a escolha dos seus parceiros ao redor do mundo. “Este acordo mostra a importância do público brasileiro para a Emirates. Desta forma, queremos oferecer mais benefícios tangentes aos nossos clientes”, complementou Stephane Perard, diretor Geral da Emitares no Brasil.

Com a entrada em vigor da parceria, destinos da América do Sul também poderão ser beneficiados. De acordo com Camargo, voos em codeshare para

9

United aumenta oferta entre São Paulo (GRU) e Washington

WWW.ST-MARTIN.ORG ILHASAINTMARTIN ILHASAINTMARTIN

Créditos da Foto: HB Fotos não contratuais

S M I L E A T L I F E

*

A United Airlines segue totalmente focada no mercado brasileiro. Tanto é que até o fim de outubro, o voo entre São Paulo e Washington passará de cinco frequências semanais para sete, o que fará o B767-300 da companhia operar diariamente entre as duas cidades. A informação foi divulgada por Lucimar Reis, diretora da United Airlines para o Brasil. “Além das nossas operações diárias e definitivas para Washington saindo de Guarulhos, logo depois as Olimpíadas passamos a operar a rota RJ-Houston com o B787-9 Dreamliner, um equipamento maior e mais moderno. Essas são as duas grandes alterações que tivemos recentemente”. Para ela, a companhia está totalmente focada no bom atendimento. Tanto é que foi feito uma pesquisa para saber do passageiro frequente o que era mais importante. Por conta das respostas, a United criou a Polaris, onde todos os assentos Business terão acesso ao corredor, com espaço de até 1,80m. “As primeiras aeronaves a receberem a cabine serão os B777s e B787s, e o Brasil receberá o novo serviço em breve.”, complementou.

* Sorria para a vida

Pedro Menezes


Destino

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Colômbia 10

Investimentos em infraestrutura, promoção e incentivos fiscais fizeram de um país em transformação um dos principais emergentes no mercado MICE Igor Regis Misturar experiências mágicas e impossíveis a fatos normais do cotidiano, tornando comuns acontecimentos inacreditáveis e fantásticos. Essas eram as características do Realismo Mágico, escola literária nascida na América Latina no início do Século 20. Não por acaso, a maior representante deste gênero é a Colômbia. A transformação pela qual passa o país nos últimos anos é digna de obra literária, algo perceptível no processo de verticalização pelo qual passam as principais cidades, na evolução dos modelos de mobilidade urbana e na ampliação das opções de turismo de lazer e de negócios. Mas talvez o maior expoente desta mudança seja o processo que fez a Colômbia sair do posto de uma das nações mais violentas do mundo, nas décadas de 1980 e 1990, para se tornar ganhadora de um Prêmio Nobel da paz neste ano com o presidente Juan Manuel Santos, por suas negociações de paz com as Farc. Todo este processo de transformação fez com que o país completasse em 2015 oito anos consecutivos no TOP 5 da lista de melhores destinos latino-americanos para o mercado MICE, atrás apenas de Brasil, Argentina e México. Os bons resultados apresentados no período são decorrentes de uma fórmula que mescla incentivos fiscais, investimento em infraestrutura e promoção do destino, o que proporcionou ao país um crescimento de mais de 300% na captação de eventos do segmento, passando de 45 em 2008 para 138 em 2015, de acordo com dados da Internacional Congress and Convetion Association (ICCA). Com base no mesmo ranking, a capital do país, Bogotá, aparece como a sexta cidade que mais capta eventos no território latino-americano, com um total de 45 realizados em 2015. Na oitava posição aparecem as também colombianas Medellín e Cartagena, com

36. Já no ranking global, as três cidades aparecem à frente de destinos como São Francisco, Abu Dhabi, Cidade do Panamá, Moscou e Miami. A principal ação que vem impulsionando o crescimento do país no segmento de eventos é a isenção de imposto de renda por um período de 30 anos para serviços hoteleiros prestados em novas instalações ou em unidades remodeladas. A medida teve início em 2003 e será válida para todos os novos empreendimentos até 2017. “Desde 2003 o governo aprovou essa isenção para o investimento direto em

nosso país. Dessa maneira começaram a chegar grandes redes como Marriott, Hyatt, Hilton e Four Seasons. Isso nos permitiu alcançar este status que estávamos buscando para a realização de eventos internacionais”, destaca Schalma Díaz Granados, gerente de Turismo Corporativo da ProColombia, entidade responsável pela promoção do país. De acordo com dados da ProColombia, até o fim de 2016 é esperada a abertura de 31 novos hotéis, que serão responsáveis por um incremento de 4.370 quartos. Para o período de 2017 a 2020 existe uma previsão de abertura de outros 39,

Cartagena (2010) e a segunda em Medellín (2016), além da Assembleia Geral da Organização Mundial do Turismo, também em Medellín (2015). De acordo com dados da ICCA, o tempo médio de permanência de um turista de negócios na Colômbia foi de 3,5 dias, com um gasto médio de US$ 410 por dia. Com isto, o país registrou em 2015 um ingresso de US$ 299 milhões por meio do segmento Mice. O número é 12% maior do que em 2012, quando se registrou um montante de US$ 268 milhões.

Catedral do Sal

Mercado Brasileiro Anoitecer no centro histórico de Cartagena

Visão Panorâmica de Medellín

sendo a maioria em Bogotá e Cartagena. Todos com capacidade para atender o mercado MICE. A promoção da Colômbia como destino também foi responsável por este crescimento na captação de eventos. Por meio da ProColombia, o país passou a focar atenções no turismo e no segmento. Hoje a entidade conta com escritórios nas principais cidades do mundo, como São Paulo, Nova York, Cidade do México, Frankfurt, Paris, Londres e Madri. Este processo de promoção foi responsável por trazer eventos de grande porte para o país, entre eles, duas edições Foro Econômico Mundial, a primeira em

Os brasileiros aparecem como principal emissor de turistas de negócios na América do Sul. Somente em 2015 foram 9.733 chegadas, de acordo com dados do departamento de migração da Colômbia. O número representou uma queda de 13% em relação a 2014, quanto foram registrados 11.189. Já no que diz respeito a eventos captados, foram 51 desde 2008. Deste total, foram 20 convenções, 20 viagens de incentivo, um congresso e 10 eventos de golf, apontados como de caráter executivo. Ao todo, o Brasil conta com 25 frequências semanais diretas para a Colômbia, partindo de São Paulo (16), Rio de Janeiro (8) e Fortaleza (1), totalizando 4.842 assentos.


Bogotá

Vista aérea de Bogotá

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Com um total de 693 frequências aéreas internacionais semanais, a capital do país, Bogotá, se destaca que pela sua conectividade e localização, favorável para chegadas de países de todas as Américas pelo Aeroporto Internacional El Dorado, principal hub da Avianca. A cidade, que passa por um grande processo de verticalização, já conta com 9.983 quartos de quatro a cinco estrelas, 468 espaços para eventos em hotéis, 12 centros para convenções e congressos, destaque para o Centro de Exposições Corferias, com 29 pavilhões. A partir de abril de 2017, a cidade contará ainda com um novo local para eventos, o Centro de Convenções Ágora. Apesar de

ainda estar em obras, o espaço já conta com 50 eventos confirmados para os anos de 2017 e 2018, sendo os primeiros já no próximo mês de maio. Ele contará com uma capacidade de 4 mil pessoas, podendo se estender a até 15 mil por meio de uma passarela que se conecta Corferias. A capital ainda tem 19 locais turísticos que conta com capacidade para a realização de eventos, como o Museu do Ouro, o Museu de Botero e Catedral do Sal, localizada em Zipaquirá, nos arredores de Bogotá. A cidade ainda tem inúmeras atrações em seu centro histórico, além de um dos mais modernos centros hoteleiros da América Latina, o Ciudad Salitre. O local conta com aproximadamente 5 mil quartos entre três e cinco estrelas e abriga marcas como Marriott, Hyatt, Holiday Inn, Capital, Sheraton e Radisson.

11

Medellín Conhecida como cidade colombiana da moda e das flores, Medellín caminha para se consolidar com uma das maiores do segmento MICE na América Latina. A metrópole é que apresenta o maior crescimento no segmento dentro da Colômbia, fruto de um projeto que incluiu a capacitação de taxistas, a criação de pólos de tecnologia, cursos gratuitos para profissionais, além do fortalecimento da indústria e investimento em infraestrutura, fatores que tornaram a cidade um modelo mundial de mobilidade e integração social. Medellín conta com 129 frequências semanais, o que a coloca a dois voos de distância de qualquer localidade no mundo. O leque de opções para eventos também é extenso, contando com 139 salões em hotéis, quatro grandes centros de convenções e um grande centro de exposições, a Plaza Mayor, que conta com 21 salas de convenções e cinco pavilhões de exposições. Ao todo são 3.254 quartos de quatro a cinco estrelas. A cidade ainda tem sete espaços turísticos que podem ser adaptados para eventos, como o Parque Explora, um centro cultural, que abriga aquário, planetário e atrações multimídia, o Jardim Botânico, um cenário verde no meio do espaço urbano da metrópole. Um pouco mais afastado é possível fazer atividades de incentivo nas Silletas, campos de cultivo de flores destinadas à exportação, venda e principalmente ao tradicional desfile do silleteiros, um das principais atrações do calendário turístico de Medellín. Entre outros destaques está o “Metro Cable”, uma espécie de teleférico que liga bairros de periferia, conhecidos como comunas, ao sistema de metrô de Medellín. Outra atração é o Grafittour, um passeio pelos murais artísticos da Comuna 13, que retrata a transformação social da cidade.

Cartagena Rica em história e cultura, Cartagena de Índias também é um dos braços fortes da Colômbia no segmento de eventos. Com 49 frequências internacionais, a cidade fica a 1h30 de voo de Bogotá e atende diretamente destinos como Cidade do Panamá, além de importantes localidades nos Estados Unidos como Nova York, Fort Lauderdale, Miami e Atlanta. Cartagena conta com 6.632 quartos de quatro e cinco estrelas, divididos entre grandes marcas como o moderno Radisson e o tradicional Santa Clara, além de hotéis em ilhas nos arredores da cidade. O destino conta com 110 salões para eventos, que juntos contam com capacidade para 15 mil pessoas, além de dois centros de exposições, entre eles o Centro de Convenções Cartagena de Índias (CCCI), com capacidade para até 1,5 mil pessoas em seu maior salão. O recinto foi recentemente reformado para atender a demandas de tecnologia, gastronomia e serviços aos expositores. Com todos os salões remodelados, a obra custou cerca de US$ 5 milhões. Cartagena também aparece como grande atrativo por estar entre as melhores opções para aliar turismo de negócios e de lazer. Entre os destaques estão o Castelo de San Felipe de Barajas, principal marco histórico do local, a Baía de Cartagena e o centro histórico, que conta com excelentes opções gastronômicas e culturais.

PLAZA MAYOR Medellín


Agências e Operadoras

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Reservas confirmadas da CVC já cresceram 4,2% em 2016

Luiz Falco, presidente da CVC

Anderson Masetto

12

A CVC divulgou, no início do mês, os seus dados operacionais referentes ao terceiro trimestre de 2016. No período, Edmar Bull

Diálogo retomado com expectativas renovadas

Entre os assuntos prioritários consta nossa solicitação de apoio contra a implantação da Central de Compras e Contratações vinculada ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) – que retira as agências de viagens da comercialização de bilhetes aéreos no caso de compras governamentais.

Aline Costa De acordo com pesquisa do Ipeturis encomendada

Edmar Bull Presidente da ABAV Nacional

pelo Sind e t u r - S P, 79,6% das empresas de agenciamento turístico do Brasil acredita que o volume de vendas voltará a normalidade no período de até um ano. Foram entrevistadas 490 empresas em 114 cidades dos 26 estados e do Distrito Federal.

Pouco mais de 44% dos entrevistados indicou o período de até um ano para a retomada, enquanto 26,9% é ainda mais otimista e acredita em melhora nos próximos seis meses. Outros números apontam que 64,9% das empresas consideram que o terceiro trimestre deste ano será melhor que o do ano passado. Uma curiosidade é que 10% das empresas afirmaram que venderam serviços turísticos tendo os Jogos Olímpicos como motivador.

Abav terá dados sobre seguros de responsabilidade em seu novo portal

Temos no prejuízo, desde então, aproximadamente 600 agências de turismo que dedicam sua estrutura praticamente em regime de exclusividade ao atendimento dos órgãos federais, e que se extintas ou cerceadas de exercer sua legítima atividade, podem levar ao desemprego perto de seis mil e quinhentos colaboradores. Não cabe ao servidor público a prestação de um serviço cuja prerrogativa de atendimento foi garantida por lei aos agentes de viagens. Nossa expectativa é manter com o ministro Marx Beltrão a interlocução positiva que alcançamos no governo, e a mesma disposição ao diálogo que nos tem levado à construção de uma agenda positiva capaz de contribuir com o desenvolvimento sustentável do setor.

com o mesmo período do ano anterior. Internacional – Como consequência da estabilização do câmbio, a venda do segmento internacional continuou apresentando tendências de recuperação, com um crescimento de 14,6%. Assim como no primeiro semestre, o tráfego do canal online teve uma forte desaceleração em meio à crise, enquanto que a oferta de crédito disponível para os consumidores nas lojas ajudou o desempenho do canal offline. Lojas – No período foram adicionadas 23 novas lojas, totalizando 110 nos últimos 12 meses, atingindo 1.064 lojas exclusivas em setembro de 2016.

Pesquisa: 80% das agências acreditam em melhora no próximo ano

Terminada a ABAV Expo, e com o foco inteiramente concentrado em nosso institucional, entramos no último trimestre do ano com expectativas renovadas em relação às políticas do setor. Com o novo ministro Marx Beltrão já solicitamos uma primeira agenda com o objetivo de atualizá-lo sobre a série de pleitos inseridos na pauta entregue em julho ao ministro chefe da Casa Civil Eliseu Padilha. O documento destaca questões ligadas ao campo tributário – caso da necessária adequação do ISS, PIS e Cofins, que sabidamente impactam toda a cadeia de turismo e com as necessárias alíquotas ajustadas trarão resultados relevantes para o crescimento e fortalecimento do setor. Incluímos aí também nossa luta pela criação de um Fundo de Garantia para o setor; e pela revisão dos itens vetados na aprovação da Lei 12.974 que regulamentou a atividade do agente de viagens em maio de 2014, mas deixou lacunas no que tange à questão da responsabilidade solidária. Nossa manifestação de apoio à liberação dos cassinos no Brasil e à flexibilização da política de concessão de vistos para estrangeiros também se inclui nessa agenda.

a operadora contabilizou R$ 1,42 bilhão em reservas confirmadas, um avanço de 4,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Se considerados os nove meses do ano, a cifra chega a R$ 4,04 bilhões, um incremento de 4,2%. O número de passageiros embarcados cresceu 4,8% no 3T16 e 1,6% no acumulado de 2016. De acordo com o comunicado enviado ao mercado, a operadora afirmou que os Jogos Olímpicos e o cenário político influenciaram de forma negativa os resultados do período. As vendas de julho e setembro apresentaram crescimento de 8,2%, enquanto agosto apresentou queda de 2,4%, comparado

Mario Gasparini, diretor do Ifaseg

Luiz Marcos Fernandes Apresentado durante a Abav Expo, ainda em caráter experimental, o novo portal da Abav terá novas ferramentas a serem implementadas nos próximos meses. Uma delas é

fruto de uma parceria com a Ifaseg, que foi explicada pelo diretor da empresa, Mario Gasparini. “Por meio de alguns cliques no computador pessoal, os associados da Abav poderão acessar um amplo conjunto de proteções, desenhadas sob medida para suas necessidades”, disse. A Ifaseg também administra o programa de seguros Trip Protector em conjunto com a Braztoa. De acordo com Gasparini, a ferramenta de e-commerce vai disponibilizar, inicialmente, proteções nas áreas de Responsabilidade Civil, Patrimonial, Vida, Auto e Residência. “O e-commerce tornará pos-

sível uma cotação de seguros ágil e confiável junto às principais seguradoras do mercado, comparando preços e condições”, contou. A iniciativa visa ampliar a prestação de serviços da entidade, otimizando tempo e gerando economia para os agentes associados. As proteções serão oferecidas a custos reduzidos e com condições facilitadas de pagamento para os associados. Eles terão o apoio especializado da Ifaseg no processo de contratação, que é viabilizado por ferramentas de alta tecnologia. “Em caso de evento coberto pela apólice, a Ifaseg poderá ser acionada imediatamente pelo segurado, a fim de realizar a regulação do sinistro e a indenização de acordo com o contrato”, finalizou.


Hotelaria

Infinity Blue (SC) confirma 17% de crescimento para 2016 e anuncia tema do Réveillon Pedro Menezes

Le Canton ganha 30 quartos com Hotel Magique e anuncia 1° Spa L’Occitane do RJ Pedro Menezes Mal dá tempo de comemorar os resultados referentes ao primeiro semestre e o Hotel Le Canton já prepara duas grandes novidades para apresentar ao mercado ainda este ano. Com um crescimento de 11% na taxa de ocupação média de janeiro a junho, o complexo localizado na Região Serrana do Rio de Janeiro quer mais. Quem contou tudo ao M&E foi a gerente comercial Lia Coutinho, em almoço realizado para cerca de 30 operadores baseados em São Paulo. “O Le Canton acaba de ganhar mais 30 quartos, o que eleva o número total do complexo para 207 unidades, entre o Fazenda, Village e agora Hotel Magique”, disse a executiva. Ainda de acordo com Lia, o Magique, inaugurado em setembro, é um anexo ao Village e acrescenta logo de cara mais 30 quartos ao complexo. “É um hotel com tarifas mais acessíveis, em comparação com as nossas outras duas unidades, mesmo mantendo o sistema de pensão completa, além de estar bem perto do Parc Magique. Nesta Abav anunciamos o início oficial da comercialização da nova unidade já em âmbito nacional, tanto em operadoras quanto nos sistemas online de OTAs”, revelou. Outra novidade é que a partir de novembro, o Le Canton ostentará o primeiro spa by L’Occitane do Rio de Janeiro, o que, de acordo com a própria gerente Comercial, aumentará diretamente a procura. “O spa do Le Canton já é um ponto fora da curva, porque tem muita procura mesmo sendo um hotel mais familiar. Sem falar que agora poderemos vender produtos da marca a todos os hóspedes”.

também temos uma série de vantagens. Aqui criamos tendência, somos uma referência”, disse Cestrone. “Decidimos redobrar os esforços na área comercial e aumentar nossa presença em toda a América do Sul”, complementou. O diretor confirmou ainda qual será a festa de Réveillon para este ano. “Teremos uma virada de Luis Calle, CEO da Camar, com Alberto Cestrone, diretor-Geral do Infinity Blue

ano com influências da cultura açoriana em Santa Catarina, com todo um lado europeu que estará preparado para o Réveillon. Mas antes, teremos uma programação especial para Halloween, para a Semana do Saco Cheio e, claro, para o período natalino”. Enquanto isso, Luis Calle acredita que esses eventos “revelam um posicionamento de nossa marca. Muitas pessoas conhecem o hotel pelo evento, e depois acabam voltando. Nosso plano de marketing para 2017, por exemplo, já contempla quatro eventos ao longo do ano”, completou.

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

O Infinity Blue Resort & Spa colhe os frutos por ser o único resort de Balneário Camboriú, em Santa Catarina. Com as metas deste ano atingidas em apenas oito meses, o empreendimento quer mais. Tanto é que decidiu incrementar o investimento nas festas temáticas e já comemora, com antecedência, um crescimento de 17% no número de reservas em 2016. As informações são do diretor Alberto Cestrone e do representante exclusivo, Luis Calle, da Camar. “Por ser um produ-

to único em Balneário Camboriú, temos uma grande responsabilidade, mas

13


Hotelaria

AMResorts comemora 15 anos com recorde de inaugurações

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Igor Regis

14

Completando 15 anos de existência, a AMResorts fechará 2016 com um total de 11 novos hotéis, recorde de inaugurações para companhia. Até o momento, três novas propriedades já estão em funcionamento e outras oito abrirão as portas até o fim do ano. “Teremos uma série de inaugurações a partir de novembro. Estamos totalizando no fim deste ano 50 resorts e a meta é chegar a 60 até 2018”, destacou Ney Neves, gerente da AMResorts no Brasil, durante evento realizado em setembro, em São Paulo O executivo salientou que a abertura novas unidades, somada ao reaquecimento do mercado, deve render aos cofres da rede um faturamento de US$ 1 milhão

em vendas no mercado brasileiro até o fim de 2016. “Comparando 2015 com 2016 tivemos até agora um crescimento de 50% no número de vendas. Esperamos fechar o ano em 100%. Faltam aproximadamente US$300 mil para atingirmos essa meta”, completou. Entre as inaugurações previstas, os destaques ficam por conta da chegada da marca em Aruba, com o ZoëtriIsladi Oro, e em Porto Rico, com o Dreams Puerto Rico. A marca ainda contará com mais uma unidade na região de Puerto Vallarta, no México, que será o primeiro hotel da marca LouisVitton. Até 2020 a expectativa é contar com 80 hotéis na coleção, totalizando 33 mil quartos. Capacitações - Para promover os novos destinos, a companhia realizou nas

Ney Huberto Neves e Tomas Barnfather, da AMResorts

últimas semanas uma série de roadshows que atraíram um total de 170 agentes de viagens. Os eventos foram realizados nas cidades de Curitiba, Balneário Camboriú, Porto Alegre, São Paulo e Campinas. “Foi um público extremamente seleto e em al-

guns bate-papos já surgiram bons negócios. As pessoas às vezes não associam a AMResorts com as marcas que ela administra. Então isso trouxe a possibilidade de um reforço de marketing para que as pessoas possam conhecer mais sobre as marcas”, salientou Neves. Parceria - A AMResorts firmou este ano uma parceria com a Orinter Tour&Travel para comercializar os 50 resorts durante o biênio 2016-2017. De acordo com a companhia, a expectativa é de que a ação gere um crescimento de 30% nas vendas. América do Sul - Com unidades concentradas na região do Caribe, a AMResorts já iniciou o planejamento de uma expansão para a América do Sul. De acordo com o diretor Comercial da marca para o Cone Sul, Tomas Barnfather, a rede já realiza estudos para a inauguração de novas unidades, que a princípio seriam no Brasil e na Colômbia. Esta última muito provavelmente na cidade de Cartagena. Por se tratarem de projetos ainda em fase inicial, não é possível estimar uma previsão para a implantação.

Malai Resort projeta ocupação mínima de 70% para dezembro Giovana Alves Em soft opening desde o começo de agosto, o Malai Manso Resort Iate Golf Convention & Spa já faz uma projeção otimista para dezembro. A expectativa é que a ocupação mínima seja de 70% durante as festas de fim de ano. Os próximos passos serão voltados para atrair clientes de lazer em São Paulo. “Aproveitamos a Abav para fechar negócios na capital paulista”, afirmou João Francisco Rodrigues, diretor Geral do Malai. A área de eventos também já mostra sinais de bom retorno. “Temos quatro agendamentos da capital paulista para 2017”, contou Rodrigues, complementando que a meta é ter pelo menos um evento mensal no local. No momento, o resort opera com 153 quartos, mas vai inaugurar outros 100 em outubro. A capacidade máxima será atingida em fevereiro, quando 353 quartos estiverem disponíveis, podendo atender cerca de 1.200 hóspedes. Atrativos - A localização do Malai Resort em si já é um atrativo. O fato de ter sido construído às margens do Lago do Manso, no Mato Grosso, permite a prática de atividades como stand up paddle, ski aquático, mergulho e passeios de barco. Além da beleza natural, a área de lazer conta com quadras de tênis e poliesportiva, arco e flecha, rapel, arvorismo, tirolesa, trilhas, spa, fitness center e 3 mil metros quadrados de piscinas. O campo de golfe profissional está passando pelos retoques finais e estará pronto no final de 2016.


Reportagem Especial

Marketing 3.0: o que muda para o mercado de Turismo Lisia Minelli Nos anos 1960, o norte-americano Jerome McCarthy, professor de Marketing da Universidade Estadual de Michigan, revolucionou o conceito de marketing com o lançamento do seu livro “Basic Marketing”, quando concebeu os quatro Ps: produto, preço, ponto de venda e promoção. Antes era puramente venda e propaganda. Com o livro, ficou clara a abrangência do marketing na comunicação e na decisão de compra do consumidor. Nos anos 1970, o conceito foi popularizado pelo também americano Philip Kotler, professor de Marketing Internacional na escola de negócios Kellogg, da Universidade Northwestern.

“Tudo aquilo que nos surpreendia, nos fascinava e nos deixava impressionados, virou o padrão” Depois de mais de cinco décadas, os consumidores e seus hábitos mudaram. Eles têm muito mais acesso à informação em um novo ambiente econômico. A informação não é mais unilateral, o consumidor está mais participativo e tem papel ativo na relação com as empresas. Será que hoje esse conceito ainda é válido? Para o século 21, além dos Ps devem ser incluídas algumas outras letras do alfabeto: percepção, identificação, valor, empatia, mercado, mídia, utilidade, comunicação, entre tantas outras. Para Maria Luciana Nunes, da Agência Exclusiva!BR, a venda é hoje consequência de um esforço de comunicação e marketing para a construção e reputação de uma marca, que vai além da venda e exige inteligência e criatividade. “Fazendo um breve resgate das principais etapas do marketing, saímos do marketing 1.0, no qual a estratégia era focada no produto e sem interação alguma com a tecnologia e conteúdo. Passamos para o marketing 2.0, que tinha objetivo de satisfazer e manter o cliente, mas o foco ainda era nele. Hoje, estamos no 3.0, no qual o produto tem valor e o conteúdo deixa de ser auto-referencial”, explicou.

Segundo Luciana, vivemos na era do criar, contar e compartilhar experiências reais, e construir valores. Esta é a nova forma de alcançar a diferenciação de produtos e serviços. É o famoso marketing de influência, que emociona por meio de belas narrativas. “O consumidor busca numa marca ou produto empatia, identificação, causa, conexão, representatividade, valores e propósitos reais. É isso que faz do consumidor o maior representante da marca”, afirmou. De acordo com o especialista em Marketing, Gianfranco ‘Panda’ Beting, os quatro Ps continuam fundamentais para

“O agente de viagens sempre foi fundamental no processo, porém, cada vez mais ele precisa se tornar um consultor e se manter relevante, visto que hoje é muito fácil para o cliente montar a sua própria viagem com o que há disponível online” se pensar no produto e serviço a ser ofertado. “O segredo é agregar valor em tudo o que se faz, em especial na promoção”, afirmou. Para ele, quem não investe em promoção perde a oportunidade de criar uma marca poderosa e desejável. “Para ter sucesso é preciso ter uma marca forte e lembrada pelos consumidores. Se eu

os trolls querem ser como nossos carros: sucesso de público.

tivesse um montante para investir seria no fortalecimento da marca, o que não é possível sem entregar um serviço de excelência”, disse. Consumidor no comando – Para Luciana, somos seres sociais, influenciados pelos grupos em que vivemos – e nossas decisões de compra não são exceção. “Com as novas tecnologias de informação e comunicação, o marketing de destinos turísticos passou ser eixo central desempenhando um papel fundamental na promoção e vendas. Acrescente a isso a relevância das redes sociais como canal de comunicação, informação, conectividade e e-commerce. Isso tem feito com que as empresas comecem a ter uma nova forma de comercializar os seus produtos e serviços turísticos. O mundo digital proporciona milhares de oportunidades para o turismo, mas também muitos desafios”, antecipou. Para Panda, com a velocidade das mudanças tecnológicas, está cada vez mais difícil para o profissional de marketing conseguir acompanhar o mercado. O mesmo acontece no Turismo, sobretudo com o empoderamento dos consumidores. “O agente de viagens sempre foi fundamental no processo, porém, cada vez mais ele precisa se tornar um consultor e se manter relevante, visto que hoje é muito fácil para o cliente montar a sua própria viagem com o que há disponível online”, disse. Para ele, a tendência é acompanhar a rapidez do mercado

“O mundo digital proporciona milhares de oportunidades para o turismo, mas também muitos desafios” Segundo historiadores, estamos numa mudança de era. Alguns futuristas até já a chama de Era Pós-Digital – que estaria originando uma nova ordem das coisas, transformando a cultura, o ambiente e o modo de vida das pessoas. “É muito maluco imaginar que hoje o digital já virou usual, virou lugar comum e tudo aquilo que nos surpreendia, nos fascinava e nos deixava impressionados, virou o padrão. E isso transforma o mercado, muda a dinâmica de como as coisas funcionam e traz novos desafios para todo mundo, todas as profissões, inclusive para o setor de turismo”, constatou a executiva. Luciana afirma que vivemos em um mundo onde a internet sabe mais de você e seu colega sentado a um metro de distância. E, nesse contexto, o Brasil está à frente da média mundial quando o assunto é relação com o universo digital. “Estamos à frente em compras online via smartphones e tablets. E isso requer que você também mude sua forma de pensar e de ver o mundo para se adaptar a nova realidade. Atualizar o seu software, pois se você está rodando com a versão antiga, ficará para trás”, finalizou.

praticidade nas reservas. acesse o portal b2b: movida.com.br/portal-b2b

ganhe prêmios em dinheiro a caDa locação fechada.* acesse movida.com.br/im

AMADEUS: GGCARMO | SABRE: MO

reserve já: 0800-606-8686 movida.com.br

Imagens meramente ilustrativas. *Consulte regulamento em nosso site movida.com.br/im DreamWorks Trolls © 2016 DreamWorks Animation LLC. All Rights Reserved.

aluguel de carros

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

sendo mais veloz que o concorrente. O tamanho da empresa não importa frente à importância de se ter velocidade para sobreviver no segmento. Tendências – De acordo com Luciana, é impossível falar em tendência de marketing sem mencionar disrupção, inovação, empatia e criatividade: os superpoderes da atualidade. “Não é novidade que estamos vivendo um período de grandes transformações, quando muitas verdades que por muito tempo nortearam o mercado e as relações já não fazem mais sentido. E se nos referimos a comunicação, as transformações são ainda mais radicais. Por isso, posso afirmar sem medo de errar que a propaganda e o marketing nos moldes tradicionais morreram”.

15


CRUZEIROS

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Carlinhos de Jesus coordena primeiro cruzeiro temático da Costa no Caribe

16

O BRASIL DISTANTE DO MUNDO DO TURISMO Os Estados Unidos receberam no ano passado 77,5 milhões de turistas internacionais, que deixaram lá uma receita de 216,86 bilhões de dólares. Estados Unidos e França disputam os primeiros lugares na preferência dos visitantes estrangeiros e em terceiro vem a Espanha. Esses países são exemplos para o mundo em razão da importância que dedicam ao turismo, atividade responsável por parcela expressiva de seu Produto Interno Bruto. O Brasil recebeu 6,3 milhões de turistas internacionais no mesmo ano de 2015 – e convém lembrar que só Cancun, no México, recebe mais de dez milhões de visitantes internacionais ao ano. A receita brasileira com turistas estrangeiros chegou a apenas 5,844 bilhões de dólares. Números tão irrelevantes deixam nosso País na 44ª posição no ranking da Organização Mundial de Turismo – numa relação de 50 países. As diferenças são ainda mais reveladoras: enquanto aqueles países de Primeiro Mundo reforçam as iniciativas para atrair mais turistas, facilitando a entrada e dotando a indústria do turismo de ótima infraestrutura, o Brasil procura dificultar a vinda desses visitantes – os vistos, a burocracia e o Custo Brasil tornam muito mais difíceis as tentativas de conquistar mais visitantes. O maior exemplo está nos Cruzeiros Marítimos: depois de um crescimento excepcional no mercado brasileiro até a temporada 2010/2011, essa atividade começou a declinar. As armadoras internacionais começaram a sentir os efeitos perversos da burocracia, dos custos, da insegurança jurídica e da tributação no Brasil e passaram a mandar seus navios para outros destinos, em que o ambiente de negócios é mais favorável. Eis um bom exemplo de como se cuida do turismo lá fora: o presidente norte-americano Barack Obama visitou os parques da Disney, na Flórida, com o objetivo de fortalecer o turismo em seu país. E um dos alvos selecionados por Obama foi exatamente o turista brasileiro. O governo dos EUA quer simplificar e acelerar o processo de visto para os turistas, além de incrementar um programa que facilite a liberação de viajantes pré-aprovados e que representem baixo risco para a segurança do país. Essas medidas fazem parte de uma campanha mais ampla, para mostrar que ele faz todo o possível para estimular a economia. Uma frase do presidente deixou as coisas bem claras: “Todo ano, dezenas de milhões de turistas de todo o mundo visitam a América. E quanto mais gente vier, mais americanos voltarão ao trabalho”. A Casa Branca informou que pretende estimular o turismo nos EUA, tendo como alvo a crescente classe média em países como China, Índia e Brasil. Visitantes desses países gastam em média entre US$ 5 mil e US$ 6 mil em cada viagem aos EUA. O turismo representa 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) norte-americano e garante 7,5 milhões de empregos. Mais de um milhão de empregos podem ser criados nos próximos dez anos, caso os norte-americanos ampliem sua participação no setor de turismo global. Simples também deveria ser o incentivo às atividades turísticas no Brasil, especialmente as que trazem mais divisas e abrem as portas para que os visitantes estrangeiros conheçam as belezas deste País, como o fizeram os milhares que vieram para a Copa do Mundo em 2014 e para as Olimpíadas deste ano. O Fórum Econômico Mundial destaca o Brasil como o Número Um no mundo no item de recursos naturais; isto significa alto grau de competitividade turística; e boa parte dos atrativos se concentra no litoral. A temporada 2016/2017 dos Cruzeiros Marítimos no Brasil vai começar no dia 21 de novembro, com os mesmos entraves dos anos anteriores. De onde se conclui que os melhores exemplos do turismo no mundo não servem para o Brasil. Mas é uma ótima oportunidade para o presidente Michel Temer – nessa sua missão de reencontrar o melhor caminho para a economia brasileira – seguir os passos de Barack Obama e reconhecer a importância do turismo para o nosso desenvolvimento.

Marco Ferraz é presidente da CLIA Abremar Brasil – Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos

COSTA CRUZEIROS ANUNCIA NOVAS PROMOÇÕES EXCLUSIVAS PARA AMÉRICA DO SUL

Carlinhos de Jesus entre Francisco Ancona e Dario Rustico, da Costa

Igor Regis A partir de janeiro de 2017, o mar do Caribe abrirá espaço para a dança, que chegará a bordo do “Dançando no Caribe”, primeiro cruzeiro temático da Costa realizado na região. A atração acontecerá no navio Costa Deliziosa e será coordenada pelo dançarino e coreógrafo Carlinhos de Jesus. “Estou muito empolgado e ansioso, como uma criança que ganha um brinquedo novo. Quero pegar este meu inglês macarrônico e chamar os gringos para dançar samba e forró”, brinca o artista, que já participa da atração “Dançando a Bordo”, também da armadora. “As pessoas sempre saem de um cruzeiro como este com a sensação de que podem dançar e isso faz com que voltem. Ensinar alguém a quebrar este pensamento de que não pode dançar é o que me motiva”, completa Carlinhos. O “Dançando no Caribe” partirá de Fort Lauderdale em 17 de janeiro e inclui no roteiro as cidades de Nassau, Amber Cove, Ocho Rios, Grand Cayman, Roatan e Cozumel, totalizando dez noites. A chegada de cruzeiros temáticos ao mercado internacional vem sendo uma aposta da Costa para esta temporada. Em novem-

Disney leva Halloween para dentro de seus cruzeiros; veja datas de 2017

A Costa Cruzeiros lança a segunda fase de sua campanha de promoções para a temporada 2016/2017. Na reserva de cabines externas ou com varanda nos cruzeiros de seis e oito noites pela Bahia ou região do Prata a bordo do navio Costa Fascinosa, o hóspede pode ganhar descontos de até R$ 500. Os passageiros nas cabines com varanda têm ainda um pacote de bebidas para o almoço e o jantar. O pacote de bebidas também estará disponível para os hóspedes em cabines com varanda a bordo do navio Costa Pacifica e nos cruzeiros que partem nos dias 17 e 25 de janeiro, 2 e 10 de fevereiro de 2017. As promoções são válidas para reservas efetuadas até o dia 28 de outubro.

MSC CRUZEIROS OFERECE ATÉ 40% DE DESCONTO NA COMPRA ANTECIPADA DE EXCURSÕES

A MSC Cruzeiros lançou uma condição especial com descontos de 20 a 40% em passeios selecionados, a todos os que adquirirem pacotes de excursões com antecedência. A iniciativa destaca o compromisso da companhia de oferecer oportunidades de férias completas aos brasileiros, que tem a oportunidade de conhecer os principais pontos turísticos da viagem com total segurança e conforto. Além dos descontos, os passeios estão disponíveis em reais e podem ser parcelado em até 10 vezes sem juros, quando adquiridos juntamente ao cruzeiro.

bro, acontece no Mediterrâneo o “1º Senior & Gourmet”, a bordo do Costa Diadema, que contará com as presenças da modelo Helô Pinheiro, a eterna garota de Ipanema, e também da chef brasileira Neka Mena Barreto. “Os temáticos internacionais são excelentes oportunidades para incentivar a ida de grupos brasileiros ao exterior. Além de conhecer diferente cidades, o público pode usufruir de toda a infraestrutura, qualidade gastronômica, serviços e entretenimento”, destaca Dario Rustico, diretor-geral de Vendas e Marketing da Costa Cruzeiros para a América do Sul e um dos líderes do projeto de internacionalização dos cruzeiros temáticos. “É sempre muito importante trazer uma experiência de viagem única para o cliente. Pensamos sempre como melhorar a qualidade”, salienta o executivo. De acordo com a armadora, são estimados aproximadamente 300 brasileiros nos cruzeiros temáticos internacionais. “O cruzeiro temático, além de ser rentável, chama pessoas que tem interesse na viagem e outro grupo que é atraído pelo tema. Então, há inúmeras possibilidades. Para dar certo temos que ter toda uma estrutura e também pessoas renomadas, como é o caso do Carlinhos e da Helô Pinheiro”,

explica Francisco Ancona, consultor de Marketing da Costa. Ele ainda observa que o nicho de cruzeiros temáticos costuma fidelizar clientes, um dos fatores que contribuiu para o seu sucesso no Brasil. “É uma experiência muito bem sucedida é algo que não tem prazo de validade. Cerca de 60% das pessoas que fazem um navio temático costumam repetir a experiência”, disse. Além da estrutura, Carlinhos de Jesus relata que um dos destaques da Costa é o ambiente criado para o cruzeiro temático, o que favorece a integração dos passageiros. “Todo o cruzeiro, os funcionários e até o comandante entram no clima. Não é só mais uma ação comercial, mas uma experiência de dança que o viajante tem assim que entra”, finaliza. Planejamento - A inclusão de novas rotas e novos temas também faz parte do planejamento da Costa. A armadora já estuda possibilidades de destinos para incrementar aos seus produtos gradativamente, de acordo com o interesse dos passageiros e agentes. “Vamos desenvolver algo que o cliente final vá gostar. Antes de implementar um itinerário novo, vamos ouvir os agentes de viagens e o cliente, para desenhar junto com eles” destaca Dario Rustico. A atualização de estruturas e da capacitação dos profissionais também é uma preocupação. “Nosso desafio é pensar que temos que construir um navio com 25 anos de vida, com um desenvolvimento tecnológico que o mantenha moderno. A Costa é muito bem posicionada. Trabalhamos para mudar a mentalidade dos funcionários para se entender as mudanças do mundo, completa o gerente”, finalizou.

Disney Cruises definiu datas do Halloween para 2017

Pedro Menezes As tradicionais festas de Halloween norte-americanas vão agora embarcar nos cruzeiros mágicos da Disney. Além de toda preparação dos parques, também é possível curtir uma das festas mais populares dos

EUA a bordo de quatro navios: o Disney Magic, Disney Wonder, Disney Dream e Disney Fantasy. Durante essas viagens especiais, cada cruzeiro ostenta a famosa Pumpkin Tree (árvore de abóboras), que se transforma com a ajuda de um contador de histórias, ao lado de todos os clássicos personagens. Quem deseja embarcar, os cruzeiros Halloweeen Highs Seas já estão navegando pelos mares estadunidenses. No entanto, já é possível efetuar reservas datas para os cruzeiros que acontecerão em 2017.

Programação 2017 ü Disney Dream (Port Canaveral): saídas de 04 de setembro a 30 de outubro ü Disney Fantasy (Port Canaveral): saídas de 02 de setembro a 28 de outubro ü Disney Magic (New York): saídas de 27 de setembro a 28 de outubro ü Disney Wonder (San Diego): saídas de 15 de setembro a 27 de outubro


Exterior

Argentina anuncia série de medidas para atrair mais brasileiros Luiz Marcos Fernandes

Israel foca em capacitação para o trade no Brasil Anderson Masetto Gastronomia. Esportes de Aventura. Praia e Sol. Dificilmente alguém associa estes atributos a Israel, reconhecido pela sua forte vocação para o Turismo Religioso. É isso, no entanto, que o Escritório de Turismo do destino no Brasil quer reforçar em suas ações com trade e público final no país. De acordo com a diretora do escritório, Renata Cohen, um dos focos para 2017 será justamente a capacitação para os operadores e agentes de viagens. “Nos nossos planos para 2017 estão mais ações educacionais junto ao trade”, afirmou a executiva, que visitou a sede do M&E em São Paulo no início do mês. Outra mudança na promoção do destino está na participação em feiras. Renata explicou que, assim como aconteceu na WTM-LA, não haverá mais apenas uma presença institucional. “Vamos trazer para o Festuris de Gramado quatro operadores de Israel. Acreditamos que isso é importante para que a nossa participação gere negócios efetivos”, revelou.

üAções efetivas em feiras como Festuris e workshops de capacitação para agentes e operadores üCampanhas voltadas para o público final como a realizada no Rio durante a Olimpíada üIntensificar ações nas redes sociais üTrabalho integrado com grandes operadoras do país como CVC, Flytour, Agaxtur e outras üInvestir em ações de promoção em mercados regionais como Nordeste, interior de São Paulo, Curitiba e outros üTrabalho de integração com a Embratur para captação de mercados distantes como Ásia üTurismo integrado com estados da Região Sul AF_CBT-0039-16A - TRADE 2106 - anuncio 2 21x28cm.pdf

1

31/08/16

17:37

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Apostar na recuperação do mercado brasileiro para a Argentina com uma estratégia promocional voltada para o trade e o público final. Este é o principal desafio que Natalia Pisoni, coordenadora Mercosul do Instituto Nacional de Promoção Turística da Argentina (Inprotur), tem a sua frente. Ela assumiu o comando do órgão há poucos meses e já colocou o Brasil como uma de suas prioridades. A executiva não tem dúvidas em definir uma série de ações que já estão em andamento. Em entrevista exclusiva ao M&E, ela lembrou que o ministro do Turismo da Argentina, Gustavo Santos, tem como meta atingir até 2019 um volume de 9 milhões de turistas estrangeiros e o Brasil responde por uma parcela significativa. Ela destaca que o atual Governo tem adotado medidas de incentivo ao turismo como a redução do IVA em 21% amenizando a carga tributária. Natalia não tem dúvidas em apostar na recuperação do mercado brasileiro. “Há três anos acompanho o Brasil e estou otimista em relação a recuperação gradual da sua economia, que permitirá uma retomada na captação de turistas. Lembro que o nosso foco não se restringe apenas a destinos consolidados, como Buenos Aires e Bariloche, mas a região Norte, Patagônia, Córdoba e outros mais. Certamente o aumento nos voos entre os dois países facilita muito, e a Aerolíneas está reforçando sua malha nacional tornando o acesso ainda mais fácil”, destaca.

Entre os pontos definidos pela Inprotur para restabelecer a captação de turistas brasileiros estão:

Natalia Pizone, da Inprotur

17


Feiras e Eventos FIT

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Turismo forte e cooperação com o Brasil foram destaques da FIT 2016

18

Abertura oficial da FIT Buenos Aires

Giovana Alves e Lisia Minelli Um novo governo e um novo momento também para o Turismo. Esta foi a principal mensagem da cerimônia de abertura da Feira Internacional de Turismo (FIT) Buenos Aires 2016. O ministro

do Turismo, Gustavo Santos, reforçou as medidas do governo Macri para o desenvolvimento do setor. “Nunca houve uma gestão tão empenhada em beneficiar o Turismo. Em nove meses, resolvemos um problema parado há 15, que foi a regulamentação do reembolso do Imposto de Valor Agregado (IVA) para a hotelaria”, disse Santos. Atualmente, o imposto de 20% é cobrado de hóspedes estrangeiros, somado ao preço final dos hotéis. A proposta de regulamentar a taxa existe desde 2001, mas estava engavetada. A Lei ainda não

entrou em vigor, mas já foi anunciada como prioridade do governo. Entre outras propostas, Santos comentou que a aviação comercial deve sofrer mudanças, com a chegada de mais companhias em 2017. O fim da tarifa diferenciada para estrangeiros também está na mira de novos projetos. Durante a feira, Santos e o presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, assinaram uma carta de intenção com objetivo de promover ações em conjunto. O termo é a continuação de conversas já acontecidas entre os países vizinhos e tem como pauta, além da promoção cooperada em países distantes, a flexibilização do visto para os chineses. Além disso, outra pauta importante da cooperação de Brasil e Argentina é em relação aos cruzeiros marítimos. A ideia é trabalhar uma rota entre o Rio da

Prata e o Pantanal. Os países estudam também a possibilidade de criar um estande em conjunto para participarem do Seatrade que acontece em março de 2017, em Miami. Santos ainda destacou que o objetivo desta nova gestão é promover não só a capital Buenos Aires, mas também as outras regiões do país “com suas características, diferenciais culturais e diversidade”. Sobre as maneiras de viabilizar estes investimentos, ele citou a melhora na qualidade dos serviços oferecidos e a capacitação de profissionais. “Até a mudança de governo, tínhamos um mercado fechado, com crescimento em decadência. Agora saímos disso para melhorar nossa competitividade e contribuir para que o turismo seja a força motora do Mercosul”, finalizou o ministro.

Países latinos se unem para criar marca turística para o Mercosul Os ministros de Turismo de diversos países latinos se reuniram durante a FIT Buenos Aires, no 1º Fórum de Ministros do Cone Sul, para debater a criação de uma marca turística para a região. Segundo Alberto Alves, ex-ministro do Turismo interino, que representou o Brasil na ocasião, as diversidades de cada

país podem ser organizadas e apresentadas como um único destino para os estrangeiros. “A reunião foi muito produtiva e a ideia é que possamos trabalhar em conjunto para promover a região como um único produto, que complemente um ao outro”, explicou. Durante o encontro, o grupo formado pelo ministro José Gustavo Santos,

da Argentina, a ministra Marcela Bacigalupo, do Paraguai, o vice-ministro de Turismo da Bolívia, Joaquín Rodas Dorado, a subsecretaria de Turismo do Chile, Javiera Montes Cruz e o Embaixador do Uruguai na Argentina, Héctor Lescano, tratou de temas como promoção conjunta, criação de roteiros integrados e melhoria da conectividade entre os países.

Corredores movimentados da FIT Buenos Aires

FORMAÇÃO DE AGENTES DE VIAGEM E PROGRAMA DE RECOMPENSAS

Encerre o ano com presentes que você quer de verdade Gostaríamos de agradecer a todos vocês, nossos valiosos membros do Famous Agents por outro ano de sucesso! Conforme nos aproximamos de 2017, sob a nova administração do AccorHotels, estamos animados para oferecer aos seus clientes ainda mais opções extraordinárias de viagens – e mais opções para os membros do Famous Agents também! Escolha os presentes de férias perfeitos com seus pontos de recompensas, desde acessórios de designers até equipamentos de ginástica e mais.

Para saber mais detalhes, visite frhi.com/promo/giftsgalore Os Famous Agents também podem ganhar pontos por reservas feitas através de parceiros representantes. Ao efetuar a reserva diretamente, utilize o código de cadeia GDS, FW.

E agora aproxime-se de sua lista de desejos com nossa oferta de bônus especial! De 1º de outubro a 31 de dezembro de 2016, você vai ganhar o dobro de pontos em todas as diárias de quarto qualificado que realizar nos locais participantes dos FRHI Hotels and Resorts. É nosso presente para você após um ano de ótimo trabalho.

Você não é membro do Famous Agents? Cadastre-se agora mesmo no site famousagents.frhi.com


Feiras e Eventos FIT

Charlie Cracknell, Luciane Leite e Lawrence Reinisch, da Reed Exhibitions

Andréa Raeder, gerente de Congressos e Eventos do Rio CVB, e Tatiana Paixão, da Pousada Riacho dos Cambucás

Sylvia Costa, da Empetur, e Thayse Cortez, de Fernando de Noronha

Otaviano Maroja, Valéria Gordilho e Rodrigo Lins, de Porto de Galinhas

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Livia Rolim e Denise Carrá, da Secretaria de Turismo do Ceará

Valdelice Oliveira, do Mareiro Hotel, Regina Vasconcelos, do Sonata de Iracema, e Karla Gurgel, do Dom Pedro Hotels

Cristiane Santos, diretora de Turismo de Curitiba

Estande do Mercado & Eventos na FIT

Enrique Pepino, diretor-Executivo da FIT Buenos Aires

Estande do Brasil na FIT

Lennon Ortiz, do parque Terra Mágica Florybal, Rosa Volk, secretária de Turismo de Gramado, Carlise Bianchi, da Brocker Turismo, Samuel Kist, da Turistur, e Luis Paulo Yamaguchi, da Laghetto Hotéis

Simone Lara, coordenadora de Marketing e Apoio à Comercialização do Mato Grosso, e Adriana Guedes, da Associação Casa de Guimarães

Gisele Lima, da Promo, e Gilmar Piolla, da Itaipu

Luciana Fernandes, Rosa Masgrau e Roy Taylor, do M&E, com Aninha Costa e Ruy Gaspar, da Setur-RN

Kelma Silva, do Amazonas

Marcelo Prandi, da Marama Tours, Jean-Philippe Pérol, da Atout France, e Jean-Bruno Gillot, da Cap-Amazon

Ingrid Videira, gerente de Vendas do Grand Mercure Rio de Janeiro

Cristina Mendonça, Celso Coelho e Taluana Maron, da Bahiatursa

Roy Taylor e Vitor Bauab, do M&E, Guilhereme Paulus, da GJP, Danielle Roman e Ricardo Roman, da Interamerican Network, e Miguel Palhota, da Iguassu Falls

Juliane Gaebler e Andrea Trempel, da ITB Berlim

Vinicius Lummertz, da Embratur, com Gustavo Santos, ministro de Turismo da Argentina

19

Diogo Beltrão, executivo de Marketing Internacional de Pernambuco

Vinicius Lummertz, da Embratur, e Paulo Kugelmas, de Alagoas

Enrique Litman, Cristina Santos,Felipe Gonzales, Roy Taylor, Vinicius Lummertz, Gilmar Piolla e Guilherme Laurino

Alline Damaso, da Global Trend

Vitor Bauab e Luciana Fernandes, do M&E com o ex-ministro interino do Turismo, Alberto Alves

Eliseu Barros, diretor do Marina Park Hotel, e presidente da ABIH-CE

Rogério Siqueira, do Beto Carrero, e Valdir Walendowksy, da Santur


Feiras e Eventos Flytour

Hiper Feirão Flytour supera metas e já mira outras cidades Sucesso de público e vendas. Assim pode ser resumida a segunda edição do Hiper Feirão Flytour, que ocorreu no início do mês, em Santos (SP). O evento teve um total de 27.634 visitantes, crescimento de 45,4% em comparação com o ano passado. As vendas também ultrapassaram o esperado, alcançando 5.455 pacotes, 64,3% a mais do que em 2015. O M&E foi media partner exclusivo do evento. “Melhoramos muito. Em 2015 recebemos 19 mil visitantes. Tínhamos a previsão de fechar o evento entre 25 mil e 30 mil e atingimos o objetivo”, comemorou o presidente da Flytour Viagens, Michael Barkoczy. O evento ainda arrecadou mais de uma tonelada

de alimentos, que serão doados para instituições carentes, e distribuiu 3 mil copos dos Minions - o brinde era dado em troca dos mantimentos. De acordo com ele, todos os dias do evento tiveram aumento no número de visitantes. “A sexta-feira e o sábado tiveram três vezes mais pessoas, em cada dia, que em 2015. No ano passado o domingo foi o melhor dia do Feirão e este ano repetimos, mas com mais pessoas”, enfatizou. Com fila de espera entre 2 e 3 horas, ele lembrou que o evento aumentou o número de posições de atendimento. “Estamos com 113 agências e 134 mesas de atendimento, 50 a mais que no ano passado”, destacou o executivo, reiterando que para 2017 o evento terá ainda mais mesas. Mais Feirões – Segundo Barkoczy, a ideia é ter outros Feirões além de Santos.

“Ainda não decidimos onde faremos o evento, mas queremos levar o Feirão para outras cidades, sem tirar o evento de Santos”, concluiu. O presidente ainda afirmou que deve trazer outras novidades para o ano que vem. “Além de melhorias, a expectativa é que os estandes sejam maiores, mais bonitos e atraentes. Porto Seguro, por exemplo, já comentou que quer trazer um estande completamente diferente”, comentou. Eventos – Durante a cerimônia de abertura, Fábio Rossi, sócio-diretor da Flytour Eventos, contou um pouco de como surgiu a ideia do feirão. “Achávamos o Michael louco, que isso não era coisa de Brasil. Mas ele bateu o pé e nós realizamos. Todos somos gratos a ele por ele fazer acontecer. Para termos ideia de como é grandioso esse evento, temos mais de sete mil metros só de

Michael Barkoczy durante a abertura do evento

Augusto Bezerra, Diogo Assis e Ricardo Iamauti, da Localiza

Bruno Yasamura, Priscila Temple e Marcelo Figueiredo, da Avianca, com Rui Alves, da Flytour Gapnet

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

Aline Costa, Igor Regis e Samantha Chuva

20

Marcelo Diogo e Carolina Mokshin, de Las Vegas

Milagros Ochoa, com equipe do Turismo do Peru

Alessandra Veiga e Silvana Lins, da Bahiatursa

Michael Barkoczy, da Flytour Viagens, com expositores de Alagoas

Equipe do Beto Carrero World

Carollina Abud e Viviane Ayres, do Grand Palladium

Giuliano Rinaldo Garafallo, do Santander Financiamentos

Daniela Donzelli, Carlos Barbosa, Erica Salvagni, e Beatriz Yumi, do Turismo de Aruba

Gleyce Luz e Vanessa Garmes, da Empetur

Feirão em números üPúblico total: 27.634 üPacotes comercializados: 5.455 üCompraram produtos: aproximadamente 12 mil pessoas üNúmero de passageiros vendidos: 71% nacional e 29% internacional ü Arrecadação de alimentos: 1,5 tonelada üDistribuição de copos dos Minions: 3 mil

Danilo Barbizan e Luiz Teixeira, da Delta

Daniel Firmino, da Flytour, entre os expositores de Foz do Iguaçu

Michael Barkoczy, da Flytour Viagens, Luciana Fernandes e Vitor Bauab, do M&E, com Prisicila Cardoso e Bernardo Cardoso, do Turismo de Portugal

carpete, mais de 200 colaboradores, mais de 100 agentes independentes, mais de 130 estandes de vendas, mais de 200 marcas expostas, do Brasil inteiro e de outras partes do mundo. Esse evento veio para ficar”, disse.

Renata Leite, Raul Monteiro, e Nathalia Lemeszenki, do Iberostar

Cleiton Feijó e equipe da Assist Card

Francisco Ancona, Dario Parazzoli, Helô Pinheiro, e Fabio Guilhem, da Costa Cruzeiros

Teté Bezerra e Nayara Marques, do MTur

Juventino Netto e Barbara Picolo, da Flytour


Nonononono Exterior

www.mercadoeeventos.com.br

Vai

&

do Turismo

Vem

nCap-Amazon - Em comemoração aos seus cinco anos no mercado, a representante boutique de empresas majoritariamente francesas passa a contar com um novo sócio-diretor. Jean-Bruno Gillot, que atuava como gerente de e-Marketing e responsável pelo Trade, ficará com os clientes ligados à Turismo enquanto Caroline Putnoki, diretora da empresa, administrará os clientes relacionados à gastronomia. n Sabre Corporation – A empresa

anunciou a nomeação de Ricardo Carreón como vice-presidente da divisão Travel Network para a América Latina e Caribe. Ele também assume a liderança da nova sede regional da empresa, criada em Montevidéu, Uruguai. Sob sua liderança, Luiz Ambar e Julia De Jesús continuarão a liderar projetos estratégicos e de desenvolvimento de negócios para a organização regional. n Orinter Tour & Travel – Wilson Mundim Jr acaba de ser promovido a gerente de Grupos Nacionais e Internacionais. O executivo ficará em Blumenau. Pela empresa, Mundim já teve passagens pelas bases de Fortaleza, São Paulo e Curitiba. Com esta promoção, ele deixa de ser responsável por uma regional para ser um gestor de produto. C

M

Y

CM

n W South Beach – Dentro de MY

um programa de investimentos contínuos desde sua inauguração, lá em 2009, o hotel, em Miami, anunciou esta semana George Adel como novo diretor de Finanças. George terá a de missão criar novas estratégias no que diz respeito a preços, distribuição e desenvolvimento da marca. CY

CMY

K

n Texas – Após pouco mais de um ano, Marcos Teodoro deixou a Edelman Significa, onde era responsável para o trade pela conta do Texas. Antes, o profissional teve uma passagem de três anos e meio pela Aviareps – que representa uma série de destinos e companhias aéreas no Brasil. n Trend Travel USA – A empresa do Grupo Trend anuncia a contratação da gerente de Desenvolvimento de Negócios Alessandra Maia, que já está trabalhando com foco em negociações nos Estados Unidos e no Canadá. Com formação em Relações Públicas pelas Faculdades Integradas Rio Branco, Alessandra soma 10 anos de experiência no Turismo, tendo trabalhado em grandes OTAs e na Royal Caribbean.

22 a 29 de setembro

30 de setembro a 07 de outubro

1. Beto Carrero World revela mais detalhes da festa dos 25

1. “Turismo Inteligente”: Sebrae investe em projetos para

anos 2. Conheça o novo diretor Comercial e de Revenue da MSC Cruzeiros 3. Europa deve ganhar o primeiro voo direto para o Havaí pelas asas da Edelweiss 4. Aviareps anuncia contratações e novos clientes 5. Le Canton ganha 30 quartos com Hotel Magique e anuncia 1° Spa L’Occitane do RJ anuncio_mercadoeeventos.pdf 1 23/09/2016 18:09:02

revolucionar o setor 2. Qatar Airways realizará recrutamento de comissários em MG; 3. Carlinhos de Jesus coordena primeiro cruzeiro temático da Costa no Caribe 4. Pará passa de 700 mil turistas em 2012 para mais de 1 milhão em 2016 5. Aerolíneas anuncia novos voos para o Brasil

Outubro de 2016 - 2ª quinzena

n Oceania Cruises - A armadora acaba de anunciar Bob Binder como seu Presidente & CEO ao mesmo tempo em que nomeações adicionais foram feitas para as equipes de Vendas, Marketing e Relações Públicas. Bob Binder também atua como o VicePresidente da Oceania Cruises e Regent Seven Seas Cruises, cargo que ocupa desde 2011. Antes disso, Binder serviu como presidente da marca Oceania Cruises, que ele co-fundou com Frank Del Rio.

Mais lidas no site do M&E

21


Agenda

Passaporte

Outubro Outubro de de 2016 2016 -- 2ª 2ª quinzena quinzena

WTM Londres tem Índia como destino convidado e três dias de evento

22

Dentro da programação da WTM Londres 2016, que acontece de 7 a 9 de novembro, está confirmada a comemoração da 10ª edição do Dia Mundial do Turismo Responsável. Neste ano, a data será celebrada no dia 8 de novembro, destacando ações na África, América Latina e Oriente Médio. O país convidado será a Índia, que espera chegar a 2020 com 13 milhões de turistas estrangeiros e tem registrado uma taxa média de crescimento anual de 10%. A expectativa de geração de negócios chega a 2,5 bilhões de libras. A feira também terá sua duração alterada de quatro para três dias após um feedback de expositores. O horário de funcionamento será estendido entre 10 e 19 horas, proporcionando tempo suficiente para realização de negócios entre os participantes do evento. Os números de visitantes da WTM Londres cresceu 20% nos últimos cinco anos, alcançando 32.528 em 2016. O número de compradores do WTM Buyers’ Club aumentou 16% nos últimos três anos, chegando a 9.124. A nova WTM Londres também oferecerá mais atividades no centro dos pavilhões do Excel, proporcionando ainda mais

interação entre expositores, compradores, visitantes e jornalistas. O Centro de Imprensa WTM International mudará de local, facilitando o contato de 3 mil jornalistas internacionais com os expositores. Além disso, um novo anfiteatro, com capacidade de 300 lugares, se juntará ao Global Stage, o que permitirá que a maioria das sessões de tendências do setor aconteça nas adjacências do pavilhão de exposições e estandes. No ano passado, a programação do evento contou com a presença de 17.036 participantes. A Conferência da UNWTO & WTM Ministers’ Summit será realizada no dia 9 de novembro, o que dará aos presentes a oportunidade de participar dos Festivais da WTM naquela tarde – celebrando o final do evento por todo o pavilhão de exposições. A WTM Londres continuará a ter a sessão WTM Speed Networking na segunda-feira, antes de sua abertura, juntamente com outra sessão adicional na quarta-feira. No total, mais de 1.436 expositores encontrarão com 303 dos mais importantes buyers durante as duas sessões de speed networking. Para completar, o último dia da feira contará com um speed networking entre 70 blogueiros e 236 expositores.

Festuris: congresso técnico discute turismo de fronteiras O novo espaço Luxury e o crescimento do Salão Mice, que terão rodadas de negócios agendadas pelo Buyers Club, são alguns dos destaques do lançamento oficial da 28ª edição do Festival de Turismo de Gramado (Festuris). Os diretores da feira de negócios turísticos, Marta Rossi, Eduardo Zorzanello e Marcus Vinícius Rossi, destacam temas técnicos do congresso como o painel que vai discutir a integração das fronteiras. “O Festuris é hoje a grande plataforma de negócios turísticos para a América Latina. Trabalhamos muito este mercado observando as tendências. Não somos apenas indutores de negócio, mas nos sentimos na obrigação de levar conceitos, e trabalhamos com os segmentos turísticos. Focamos na geração de negócios, conhecimento, investimento na feira, congresso, salas de capacitações. Isso nos tornou diferentes das outras feiras”, destacou Marta Rossi. O diretor Marcus Rossi apresentou os números de 2015, destacando os mais de 14 mil visitantes, 2.500 marcas. “O Festuris vem se internacionalizando e hoje temos destinos de continentes distantes como África do Sul, por exemplo”, contou. Já o

diretor Eduardo Zorzanello destacou que mesmo num ano de recessão, a feira e o destino de Gramado foram divulgados no exterior. Zorzanello apresentou ainda o Espaço Luxury, a novidade da feira neste ano, que é formatada nos moldes de feiras da Europa e que terá expositores como Barbados, Saint Andrews, Turks and Caicos, Air Tahiti Nui, Mercatur Premium, Thaiti Tourisme, Seychelles e La Hacienda. A feira ocupa 22 mil metros quadrados e está dividida em espaços como LGBT, Acessibilidade, Luxury, Entretenimento, Destinos Gastronômicos, Enoturismo, Cultural e Religioso, Tecnologia, Mice, Sustentabilidade e Turismo Verde, Salas de Capacitações (Programação de oficinas, workshops, e palestras de forma ininterrupta). Serão 2 mil marcas expostas em mais de 400 estandes para um público de mais de 14 mil profissionais vindos de todos os continentes. A geração de negócios é fomentada dentro da feira, resultando em um impacto econômico de R$ 212 milhões obtido na última edição, segundo o Observatório de Turismo da Universidade Federal Fluminense (RJ).

>> A American Airlines entra para história ao iniciar oficialmente seus serviços que conectam o Aeroporto Internacional de Miami (MIA) ao Aeroporto Internacional Ignacio Agramonte, que atende as cidades de Camaguey e Santa Clara, em Cuba. O próximo passo da companhia é iniciar frequências à estância balneária cubana, Varadero. >> A Air Europa e a Turkish Airlines anunciaram em conjunto o início da parceria de codeshare, em vigor desde 1º de outubro. Na fase inicial da cooperação, a Air Europa colocará seu código na rota Istambul – Madrid, operada pela Turkish Airlines, enquanto a Turkish irá colocar o seu código nos voos de Madrid a Las Palmas, Ibiza, Palma de Mallorca, Havana, Santo Domingo e Lima, operados pela Air Europa. >> A Air France-KLM acaba de firmar parceria com a Gogo para oferecer aos passageiros conexão a bordo em voos de longa-distância. Inicialmente, 68 Boeing 777 e 15 Airbus A330, da Air France, além de 29 Boeing 777 e 12 Airbus A330 da KLM, serão equipados com o serviço a partir do fim de 2017. Com o acordo, os clientes do grupo terão acesso à internet durante a viagem por meio de seus smartphones, laptops ou tablets. >> Em uma cerimônia realizada em Xangai, a Star Alliance e a Juneyao Airlines selaram formalmente uma parceria estratégica que permitirá à companhia aérea baseada em Xangai se tornar uma “Parceira de Conexões” da Aliança em 2017. Como parte da parceria inovadora com a Aliança, a companhia aérea começará em breve a oferecer serviços como o check-in prioritário, bem como acesso a lounges e outros privilégios exclusivos para qualificados passageiros viajando em itinerários conectados com as companhias aéreas membros da aliança. >> As vendas no mercado brasileiro da Australis, na última temporada, superaram o resultado obtido no mesmo período do ano passado, chegando a marca de 15%. Para o período 2017 e 2018 a grande novidade é a inauguração de um segundo barco com capacidade para 250 passageiros. >> A Latam Travel Brasil lançou a campanha “Criança grátis” válida para hospedagem nos hotéis do Walt Disney World em Orlando. O objetivo é comemorar o mês dos pequenos. A cada dois adultos que comprarem um pacote completo, uma criança de até 9 anos ganha as passagens aéreas de ida e volta, o ingresso físico básico de cinco dias para os parques do Walt Disney World, além da hospedagem gratuita já oferecida pelos hotéis Resort Disney. A compra de pacotes já está disponível e é válida até 31 de outubro, para embarque até 2017 com estadia mínima de 7 noites. >> A Localiza, maior rede de aluguel de carros da América, apresentou o novo carro que passa a integrar a frota: o Jeep Renegade. Novas ferramentas também facilitam a vida do usuário como o Localiza Way, um aparelho que fornece wi-fi grátis para até 5 pessoas simultaneamente e o CHEGUEI, botão que pode ser acionado dentro do APP e o Localiza Express, um totem de autoatendimento que garante mais agilidade aos clientes no processo de retirada dos carros nas agências. >> A Delta Airlines começa a operar em outubro com o A330, em substituição ao B767-400, na rota entre Guarulhos e Atlanta. De acordo com Luciano Macagno, diretor da companhia para o Brasil, com a vinda do equipamento a oferta para o mercado brasileiro aumenta em 20%. O dirigente também confirmou que a partir de dezembro a rota entre São Paulo e Orlando volta a ser diária, utilizando o equipamento Boeing 767. >> Tido como destino preferido de inverno dos brasileiros, Bariloche lança, em novembro, uma campanha promocional para atrair um fluxo maior de brasileiros para a temporada de verão. Intitulada “Bariloche, sempre há algo para se descobrir”, o investimento será de R$ 1 milhão e tem por objetivo divulgar o destino o ano inteiro. Durante o verão Bariloche chega a receber entre 250 mil e 300 mil turistas. Entre as novidades há que se destacar o circuito das cervejas artesanais.

www.mercadoeeventos.com.br Circulação nacional através de mala direta Presidente Adolfo Martins CEO Roy Taylor (roytaylor@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2222 - (55-21) 3233-6319 Vice-presidente Vitor Bauab (vitor.bauab@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2222 Diretora-Executiva Luciana Fernandes (luciana.fernandes@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2248 Diretora de Relações Institucionais Rosa Masgrau (rosamasgrau@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2222 - (55-21) 3233-6316 Diretora de Vendas Mari Masgrau (mari.masgrau@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2249 Diretor de Inteligência Comercial João Taylor (joao.taylor@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2243 Editor-chefe Anderson Masetto (anderson.masetto@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2236 Editora on-line Aline Costa (aline.costa@mercadoeeventos.com.br) - (55-11) 3123-2222 Chefe de Reportagem Luiz Marcos Fernandes (luiz.fernandes@mercadoeeventos.com.br) - (55-21) 3233-6262 Gerência de Tecnologia GRM | Fotografia Eric Ribeiro | Designer Gustavo Cascone

Programação do Congresso 04/11– sexta-feira 8h30 – Painel: integração das fronteiras – ministro do Turismo, Marx Beltrão, presidente da Embratur, Vinícius Lummertz, ministro do Turismo da Argentina, Gustavo Santos e o secretário de Turismo do Rio Grande do Sul, Victor Hugo 9h40 – A evolução das novas tecnologias – Augusto Rocha, da PMWeb Marketing; Edson Luís Lamb, CEO da BCS Automação, Adriano Nagão Schissatti –Gerente de Vendas da CWT 10h50 – Aumento da competitividade – Luiz Carlos Barbosa, da LVB Consultoria; Tendências do turismo de luxo, com Paulo Roberto Chieli, CEO da FFC Consultoria

11h50 – Polinésia Francesa, um destino / Air Tahiti, um serviço - Jean-Philipe Pérol, da Atout France

Reportagem Rio (55-21) 3233-6353 | Reportagem São Paulo (55-11) 3123-2239/2240 Giovana Alves (giovana.alves@mercadoeeventos.com.br | Igor Regis (igor.regis@mercadoeeventos.com.br) Kristhiany Teixeira (kristhiany.teixeira@mercadoeeventos.com.br) | Lisia Minelli (lisia.minelli@mercadoeeventos.com.br) Pedro Menezes (pedro.menezes@mercadoeeventos.com.br) | Samantha Chuva (samantha.chuva@mercadoeeventos.com.br)

05/11 – sábado 8h30 – Legalização dos jogos e o impacto na atividade turística – Alexandre Sampaio, presidente da FBHA, Luigi Rotuno, presidente da ABR e Paulo Queiroz, presidente do Sindetur-RS 10h50 – Blogs, a primeira parada no planejamento do turista – Alexandra Aranovich, publicitária 11h – Criatividade aplicada ao negócio – Marcelo Pedroso, diretor da Autoridade Olímpica. Informações e inscrições: www.festurisgramado.com.

Atendimento ao leitor (55-11) 3123-2222 Departamento Comercial São Paulo (55-11) 3123-2248 | Rio de Janeiro (55-21) 3233-6319 Estados Unidos - Brazil Travel Media +1 (954) 647-6464 Assistentes Operacionais Ellionai Medrado (55-11) 3123-2252 | Roberta Saavedra (55-21) 3233-6319 São Paulo Rua Barão de Itapetininga, 151 - Térreo - Centro - CEP 01042-001 - Tels (55-11) 3123-2222 - Fax (55-11) 3129-9095 Rio de Janeiro Rua Riachuelo, 114 - Centro - CEP 20.230-014 - Telefone e Fax (55-21) 3233-6201 Os artigos e opiniões de terceiros publicados na edição não necessariamente refletem a posição do jornal. Mercado & Eventos é uma publicação do


Outubro de 2016 - 2ª quinzena

23


Outubro de 2016 - 2ª quinzena

24

A magia nunca termina nos quatro Parques Temáticos do Walt Disney World Resort! Navegue para Arendelle em Frozen Ever After no Epcot. Presencie encontros de heróis e vilões de uma galáxia muito, muito distante durante o show de fogos de artifício Star Wars: A Galactic Spectacular no Disney’s Hollywood Studios. Veja algumas de suas princesas favoritas durante um show inesquecível em frente ao castelo no Magic Kingdom Park. E celebre a magia da natureza durante espetáculos noturnos como o Tree of Life Awakenings no Disney’s Animal Kingdom Theme Park. Além dos parques, não perca os mais novos entretenimentos, restaurantes e lojas ecléticas do Disney Springs. Há tantas coisas para ver e fazer no Walt Disney World Resort—o que falta é você.

Saiba mais em DisneyAgentesdeViagens.com

©Disney LATAM-16-52605 © & TM Lucasfilm Ltd.

M&E 306 2ª out  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you