Issuu on Google+

Cruzeiros Marítimos A poucos dias do início da Temporada 2013/2014, companhias revelam percentual de vendas. Costa brasileira terá 11 navios, número bem menor do que o registrado nos últimos anos. Páginas 13, 14 e 15 Outubro/2013 - 2ª quinzena - Ano X - Nº 234 - Tiragem: 16.400 exemplares

Tampa, St Petersburg e Clearwater

ENTREVISTA

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Visit St Petersburg Clearwater

mercadoeeventos.com.br

REPORTAGEM ESPECIAL

FOLHA DO TURISMO

1

Juarez Cintra Filho

E-Fácil Plus e mais inovações marcam fase da Ancoradouro Página 3

AGENDA Píer 60, na Praia de Clearwater

Copa Airlines terá novo voo para a região

Empetur vai ganhar prêmio no primeiro dia da WTM, em Londres Página 38

A partir de dezembro, companhia fará ligação entre a Cidade do Panamá e Tampa. Páginas 20 e 21 EXTERIOR

PERSONALIDADE DO TURISMO

C Cédula que dá ddireito ao voto vem eencartada nesta eedição

HOTELARIA

AVIAÇÃO

GJP inaugura Linx Hotel, no Aeroporto do Galeão, no Rio

Tap confirma voo entre Lisboa, Manaus e Belém para 2014

Evento de abertura do empreendimento reuniu autoridades em coquetel. Páginas 10 e 31

Nova rota, divulgada com exclusividade pelo M&E em setembro, começa em junho do próximo ano. Página 16 Luiz da Gama Mór entre Bernardo Monteiro de Paula, Arthur Virgílio, Oreni Braga e Antonio Claudino

G Grande festa do turismo bbrasileiro acontece em 5 de ddezembro, no Copacabana Palace. Página 35 Pa Cada eleitor deve escolher três instituições e três personalidades

Guilherme Paulus, Gastão Vieira, Gustavo do Vale e Ronald Ázaro

Confira a programação do Festival de Turismo de Gramado, que nesta edição cresce em expositores internacionais. Página 38 HOTELARIA

FEIRAS E EVENTOS

FEIRAS E EVENTOS

Jatiúca renova áreas e ganha Centro de Convenções

Embratur participa da Top Resa com 14 cooperados

Festival de Turismo de João Pessoa registra presença de 981 agentes

Investimento foi de R$ 300 milhões. Setor de eventos é responsável por 6% da receita do hotel. Página 12

Mercado francês é importante para o Brasil. Em 2012, o país recebeu 219 mil turistas franceses. Página 32

Este ano o evento foi 80% maior que a edição de 2012 e recebeu 143 operadores. Página 34

Promperú realiza eventos no Rio e em São Paulo AGÊNCIAS E OPERADORAS

3ª Oficina Avirrp qualifica profissionais

Fábio Mota, do MTur, com Marco Lomanto, da Embratur

Autoridades na abertura do Festival

Encontro Nacional dos Agentes de Viagens reúne profissionais em capacitações no Vila Galé, em Angra dos Reis. Página 30

17

CRUZEIROS

Mario Trojman anuncia que vai deixar Silversea

28

FEIRAS E EVENTOS

La Cita reúne trade em Fort Lauderdale

33

M&E.COM

Acompanhe o Vai e Vem de profissionais Cláudio Cordeiro, Arthur Lundring e sua esposa, Renata Franco

9

37

INSTITUCIONAL

M&E faz restrospectiva de 2009

24


2 Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena


E NTREVISTA

Com E-Fácil Plus, Grupo Ancoradouro inicia nova fase Anderson Masetto

MERCADO & EVENTOS - Passados quase dois meses do lançamento do E-Fácil Plus é possível dizer que a unificação de todos os produtos do grupo em um só sistema é um marco na história da Ancoradouro? Juarez Cintra Filho - É uma nova fase da empresa, principalmente como portal, porque eu desconheço algum outro no Brasil que reúna para emissão online de bilhetes aéreos nacionais, internacionais; hotéis em todos os continentes; navios na Europa, Brasil, Mediterrâneo e Ásia; passagens de ônibus intermunicipais e interestaduais no país inteiro; cartão de assistência de viagens; serviços e locação de veículos. Iremos incluir – em mais 30 ou 40 dias – compra de moeda por cartão pré-pago. Tudo isso o agente faz, passa o cartão de crédito e pronto.Desta forma conseguimos apoiar o agente de viagens de todas as formas, inclusive aqueles que trabalham com corporativo também. Além disso, nós temos o White Label, que transforma a agência em uma OTA. Como não vendemos online para não concorrer com o agente, criamos uma ferramenta para que ele possa fazer isso com o nosso portal por trás. M&E – Este novo sistema dá fôlego para a Ancoradouro crescer ainda mais? Quais são os próximos passos? Juarez Cintra Filho – Sim, primeiro porque temos estrutura para crescer bastante. Os nossos escritórios, assim como a matriz, oferecem espaço para no mínimo triplicar o movimento de hoje. Em tecnologia, fizemos este investimento e tenho certeza de que temos o melhor portal do Brasil, não apenas pela gama de produtos que ele oferece, mas pela agilidade. No entanto, não vamos parar por aqui, a melhoria é contínua. M&E - Quando os agentes terão os pacotes prontos disponíveis no portal? Juarez Cintra Filho – A inclusão dos pacotes é um pouco mais complexa. É só observar que é muito raro que um operador tenha pacotes no site, porque o próprio agente tem um pouco de medo de errar ou de montar. Hoje com o que oferecemos é possível montar o pacote com o que ele quiser e com as melhores tarifas. Mas estamos trabalhando para incluir os pacotes de Europa e

M&E – Quais são as expectativas de crescimento para este ano? Juarez Cintra Filho - A gente vinha crescendo muito neste ano na operadora. Em torno de 40% acumulado. Mas tivemos uma queda e acabamos vendendo 30% a menos do que tínhamos expectativa. Na consolidação houve uma queda na expectativa de incremento, mas mesmo assim ainda estamos com um crescimento acumulado de 21% em setembro deste ano comparando com o mesmo mês do ano passado. Vínhamos crescendo muito, mas o mercado esfriou um pouco. Espe-

ramos terminar 2013 com cerca de 30% de avanço na consolidação. No caso da operadora, como estamos com uma queda considero que se fecharmos o ano empatado ou com um crescimento pequeno, será maravilhoso. M&E – O departamento de marketing agora responde diretamente à vice-presidência executiva. Qual objetivo desta mudança? Serão feitas mais mudanças? Juarez Cintra Filho – Todo operacional do dia-a-dia da consolidação, administrativa e financeira já está nas mãos do Juarez Cintra Neto. Com o portal, ele começou a ficar também com a operadora. Estou saindo das decisões pequenas do dia-a-dia para apenas pen-

sar no macro, bem como nos demais negócios do grupo.

Juarez Cintra Filho

M&E - Depois da anunciada abertura da unidade de Vitória (ES), quais serão os próximos passos? Juarez Cintra Filho - Estamos abrindo Vitória em 1º de novembro e as expectativas são muito grandes porque o José Sales [que comandará a unidade] conhece muito bem o mercado. De lá ele fará a nossa expansão para o Nordeste. O Sales que irá estudar e definir como e quando isso vai acontecer. Mas adianto que devemos começar algumas cidades com home office, sentir o mercado, e partir para abertura do escritório, se for o caso. Isso deve acontecer no primeiro semestre de 2014.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Há quase dois meses o Grupo Ancoradouro deu mais um passo para continuar tendo sucesso e sendo uma das mais prestigiadas e respeitadas empresas do trade. Na ocasião, foi anunciado o E-Fácil Plus, portal que reúne todos os produtos e serviços da consolidadora e da operadora, além de outras facilidades, como o White Label para as agências de viagens. Outra mudança que vem acontecendo aos poucos é no dia-a-dia da empresa, que passa, gradativamente, a ter Juarez Cintra Neto (hoje vice-presidente executivo) como seu gestor principal. Veja abaixo a entrevista completa:

excursões rodoviárias com a Mapa Plus. Isso deverá entrar no começo do ano que vem.

3


O PINIÃO

Voto consciente

Julho de de Outubro 2011 2013 - 2ª- 2ª quinzena quinzena

Roy Taylor

4

A partir desta edição o M&E dá início ao processo de votação para eleição das Personalidades do Turismo. O objetivo é eleger 10 nomes de profissionais e três instituições que mais se destacaram ao longo do ano, no segmento onde atuam. Mais do que uma simples votação, o pleito expressa um justo reconhecimento do setor a todos que contribuem direta ou indiretamente para o fortalecimento da indústria do turismo. Reconhecer os que superaram as barreiras e entraves, de modo a encontrar na crise oportunidades de crescimento. Em sua 13ª edição, o prêmio Personalidade do Turismo, que acontece na primeira semana de dezembro, no Rio de Janeiro, tem a chancela da Associação Brasileira de Imprensa e o apoio de entidades como a Abav Nacional. O modelo de votação adotado – transparente e democrático – dá ainda maior valor e credibilidade a essa iniciativa. Ao contrário de outras iniciativas do gênero, o M&E decidiu instituir uma premiação onde o trade venha a expressar sua preferência e indicar, por si, os nomes e empresas que considera mais habilitados a receber tal homenagem, fazendo com que tal iniciativa venha a ficar ainda mais valorizada por esse modelo de eleição. Neste sentido, o modelo adotado conta com sistema envolvendo todo um procedimento com o objetivo de evitar que um mesmo nome receba inúmeros votos de uma mesma pessoa, e possa levar a distorções prejudicando os demais candidatos. Para isso, cada cédula contém um código que dá direito ao voto no hotsite. Isso garante a veracidade do prêmio, evitando qualquer tentativa de fraude. A participação expressiva do trade neste processo de votação é importante

também para gabaritar com louvor e êxito os nomes dos eleitos nesta premiação que pode ser considerada o “Oscar” do Turismo brasileiro, tal a sua expressão e reconhecimento por parte do mercado. E o local não poderia ser mais adequado: o Golden Room do Copacabana Palace, que abre suas portas no próximo dia 5 de dezembro para a grande festa de congraçamento com as devidas homenagens aos eleitos. A sua participação é imprescindível neste pleito. Num ano marcado por dificuldades e desafios, onde o setor – com raras exceções – teve resultados tímidos, é importante que haja cada vez mais demonstrações de união de todos os setores que integram a cadeia produtiva do turismo, a fim de valorizar ainda mais profissionais e entidades sobre a importância deste segmento, que nem sempre tem o devido reconhecimento por parte dos governo, seja nas esferas federal, estadual e municipal. Um setor que ao longo dos últimos anos tem dado enorme contribuição – seja pelos investimentos, renda e empregos gerados - como fator de desenvolvimento econômico. E nada mais indicado do que essa grande festa do turismo nacional, e outras iniciativas do gênero, para evidenciar a força de um setor que tem sido essencial não apenas no Brasil, mas também em vários países, no processo de recuperação econômica. Vote consciente e participe também desta eleição democrática, única do gênero num patamar nacional, e que expressa a opinião da maioria pelos seus representantes nesta grande festa do setor. Roy Taylor é jornalista, publicitário e vice-presidente executivo da Folha do Turismo e Mercado & Eventos

O papel dos Conventions Paulo Senise

Quando se fala na proliferação dos Conventions & Visitors Bureaux no país é preciso lembrar que no exterior essa prática é diferenciada. O modelo dominante no mundo, seja na Europa ou nos Estados Unidos, busca oferecer ao usuário um serviço completo de informação e apoio. Mas a capitalização destas entidades vêm de uma taxa obrigatória e isso contribui para o fortalecimento dos conventions. Em algumas cidades são vários setores inseridos nesta contribuição. Isso permite um leque de atuação dos Conventions bem mais amplo. No caso do Brasil essa contribuição é opcional e isso nem sempre gera recursos suficientes. O surgimento de conventions pelo país tem sido uma constante. Na minha opinião, existem alguns pré-requisitos que são fundamentais neste processo de criação dos mesmos. A primeira delas diz respeito a capacidade instalada dos meios de hospedagem. Lembro que não adianta a cidade ter a intenção de criar seu convention se não tem uma infraestrutura principalmente no que se refere a espaços para realização de eventos e também uma oferta hoteleira suficiente para atender a realização de congressos e eventos. Não bastam apenas boas ideias se não existem esses pré-requisisitos. É importante também que haja uma mentalidade por parte da iniciativa privada em relação aos resultados do trabalho realizado pelos conventions. Se não houver uma conscientização fica difícil ter a adesão dos hoteleiros. O Rio Convention e o São Paulo Convention foram os primeiros a surgirem no país. Creio que no Rio de Janeiro ao longo destas três décadas o RCVB trouxe

Natália Strucchi

O Brasil está às vésperas de sediar grandes eventos esportivos, que trarão com eles um elevado número de visitantes internacionais e, ao mesmo tempo, uma maior movimentação do turismo doméstico. Durante este ano de 2013 já tivemos duas oportunidades de vivenciar períodos de grande concentração de público, com a Copa das Confederações e Jornada Mundial da Juventude. Os “olhos” do mundo, definitivamente, estão voltados para o país. Uma pesquisa da Embratur revelou que durante a Copa das Confederações os estrangeiros transitaram por 132 cidades brasileiras. As cidades mais visitadas por eles foram Rio de Janeiro (67,5%), Fortaleza (25,8%) e Belo Horizonte (23,3%). Fora do circuito das cidades-sede, os locais mais visitados foram Ipojuca, em Pernambuco, onde fica o destino de Porto de Galinhas (2,7%), Foz do Iguaçu, no Paraná (2,1%) e Armação de Búzios, no Rio (1,9%). De acordo com a pesquisa, 75,8% do público afirmou a vontade de voltar para a Copa do Mundo. Estima-se que o Mundial em 2014 atraia 600 mil visitantes internacionais. Apesar das ótimas perspectivas, uma “onda” pode estar indo na contramão dos fatos. Dois estados citados na lista acima anunciaram, no início de outubro, a extinção das secretarias de Turismo, unido as mesmas a outras pastas. No Paraná, o governador Beto Richa decidiu mudar a estrutura de seu governo e agora Turismo e Cultura caminham juntas, sob uma mesma gestão. Um “retrocesso” segundo ava-

liação do trade que, inconformado, levanta os números do Turismo no estado e pleiteia uma forma de expor ao governo o grande “erro”, para assim tentar reverter a situação. Em Minas Gerais, o Turismo foi posto junto aos Esportes. A medida deverá ser encaminhada à Assembleia Legislativa para sua votação e aprovação. Até lá, o atual secretário de Turismo do Estado, Agostinho Patrus, continua no cargo. Caso a medida venha a ser aprovada, então será constituída uma nova diretoria já com as duas secretarias unidas numa só. Justificativas à parte, o fato é que este tipo de atitude nos remete ao passado. Ao longo dos anos uma batalha veio sendo travada para que o Turismo chegasse ao patamar no qual se encontra hoje. A criação do Ministério do Turismo (MTur), em 2003, foi o grande marco da última década. E, nos anos seguintes, o surgimento de muitas secretarias de Turismo. As mudanças políticas anunciadas recentemente colocam em xeque o status de prioridade do setor e revelam o quão volátil esse status pode ser. Fica aqui a torcida para que essa onda de extinções não se espalhe Brasil afora. É preciso que o trade nacional fique atento e não feche os olhos para os cenários que vem se desenhando pelo país. Imagina se o Governo Federal decide juntar o MTur ao MinC ou ao Ministério dos Esportes? A máxima de que a união faz a força mostra-se aqui uma grande inverdade. Natália Strucchi é jornalista, pós-graduada em Relações Internacionais e editora-chefe do Mercado & Eventos e da Folha do Turismo

Paulo Senise é superintendente dos Conventions Bureaux do Rio de Janeiro

Europa cada vez mais verde e amarela Antonio Tajani

A União faz a força. Será?

um calendário de eventos que colocou a cidade em evidência por meio da captação de congressos e eventos. Houve também uma produção constante e ininterrupta desse trabalho, por meio de material adequado e presença seja nas feiras e grandes eventos promocionais exclusivos do Rio de Janeiro no exterior. Realizamos eventos em Las Vegas, Chicago, Paris, Barcelona, Chile, Santiago, Buenos Aires, entre outros. Em alguns casos por meio de ações em parceria com as secretarias de turismo. Essa preocupação com a divulgação da imagem tem sido uma constante. Isso aconteceu na Copa do Mundo tanto na Alemanha, como na África do Sul, bem como nas Olimpíadas em Londres. Creio que temos avançado. Existem desafios, sendo a principal delas a malha aérea. Há também uma preocupação com os espaços para eventos. Houve avanços e modernizações mas ainda falta um centro de convenções na Zona Sul do Rio de Janeiro. Já em relação a questão aérea creio que a concentração de voos é muito grande ainda em São Paulo. O próprio Galeão não está a altura de uma cidade do porte do Rio de Janeiro. É uma obra defasada e que não atende a uma cidade do porte do Rio que é o principal portão de entrada do turismo internacional. Precisamos avançar também nesta questão da mobilidade urbana e ter um aeroporto de porte internacional comparado aos melhores do mundo.

A crise econômica internacional que afeta os países da zona do Euro parece não ter o mesmo impacto no setor de turismo do Velho Continente. Responsável por mais de 5% do PIB do bloco, a indústria turística gera empregos e influencia outros atores da economia europeia, desde o mercado hoteleiro até gastronomia local, uma prova de que o turismo é um player que contribui para a recuperação econômica mesmo em tempos de recessão e serve de combustível para movimentar o fluxo de visitantes, ano após ano. Uma das razões para o bom desempenho do turismo na Europa é a forte atuação das economias emergentes. A Europa tem atraído cada vez mais visitantes oriundos de países que formam os BRICs (Brasil, Rússia, Índia, China), cujos turistas veem no continente uma oportunidade de conhecer vários destinos num só roteiro de viagem. Isso inclui o Brasil, que é reconhecidamente um dos mercados de mais rápido crescimento em todo o mundo e que tem registrado alta nas despesas com turismo internacional. Dados do Banco Central mostram que, em 2012, os brasileiros gastaram durante viagens ao exterior um montante superior a US$ 20 bilhões, uma alta de 3,9% na comparação com o ano anterior. Não por acaso, a Comissão Europeia incluiu o Brasil como um dos países-alvo para atrair novos turistas. Incontáveis pacotes temáticos e itinerários, roteiros que envolvem vários países e passeios regionais, moeda única, fronteiras abertas, infraestrutura bem projetada e a política de vistos estabelecida a partir do Acordo de Schengen são bons exemplos de como a Europa se esforça para manter as portas abertas para os turistas em qualquer época do ano. Ressaltando toda a riqueza gastronômica e cultural e os patrimônios históricos do continente, fica fácil descobrir porque viajar para a Europa é uma experiência tão requisitada. De fato, a Europa é um destino turístico cultural: além dos mais famosos Patrimônios da Humanidade da UNESCO e outras atrações populares, o continente também seduz os turistas a partir dos seus roteiros culturais e roteiros menos conhecidos, porém em ascensão, chamados de Destinos de Excelência,

da sigla em inglês, EDEN. Mas a Europa também está pronta para encantar turistas com sua rica e única história, que convidam visitantes a voltar ao passado, enquanto descobrem uma arquitetura impressionante. Desde pontes que conectam comunidades inteiras a majestosas torres que inspiram adoração, até castelos medievais que costumavam defender as cidades. Além disso, a Europa é um convite irresistível para as compras, permitindo que os turistas descubram não só as grandes marcas e as célebres ruas das cidades mais famosas do mundo, como também lugares menos explorados, que inspiram uma nova geração da criatividade europeia. A maciça presença das cores verde e amarela no continente europeu comprova toda a atratividade do Velho Continente, que por sua riqueza e diversidade, pode transformar a viagem em uma experiência inesquecível. Por estar viajando com mais frequência, o brasileiro pode desviar, mais facilmente, do tradicional roteiro de viagens europeu e se aventurar em regiões de certa forma desconhecidas do continente, como os Destinos de Excelência e tesouros escondidos da Europa, ou como chamamos, European’s hidden treasures. O recente avanço da nova classe média brasileira, um maior acesso ao crédito e a facilidade em negociar pacotes turísticos contribuíram para esse cenário. Consequentemente muitas agências de turismo da Europa, em especial da Europa Oriental e Leste, têm investido atualmente em escritórios e representantes locais para estimular ainda mais a escolha dos brasileiros. Toda a riqueza sociocultural da Europa e as rápidas conexões são convites para elevar essa tendência. O total de brasileiros que viaja para a Europa subiu rapidamente ao longo dos anos: de 1.4 em 2006 para 1.9 milhão em 2010. Só no ano passado, o Brasil enviou quase três milhões de turistas para a Europa. A estimativa da Comissão Europeia é que esse número cresça, em média, 3,3% por ano até 2015. Antonio Tajani é vice-presidente da Comissão Europeia, responsável por Indústria e Empreendedorismo e pela campanha “Europa – Em todos os Momentos”


B RASIL

MTur e Sebrae firmam parceria para cooperação técnica Luiz Marcos Fernandes

Valdir Walendowsky assume oficialmente Setur-SC e segue na Santur

Valdir Walendowsky

Luiz Marcos Fernandes

A exemplo do que já havia adiantado o M&E, durante a realização da última FIT de Buenos Aires, realizada em setembro, Valdir Walendowsky, presidente da Santur, foi convidado oficialmente pelo governador Raimundo Colombo para assumir a secretaria Estadual de Turismo de Santa Catarina, no lugar de Beto Martins. Na ocasião do convite, o dirigente afirmou que pretende dar continuidade ao trabalho em prol do desenvolvimento do setor. “Acabei de sair da audiência com o governador e vi esse convite como uma prova de confiança. No momento penso apenas em dar continuidade aos projetos que já vínhamos executando tanto à frente da Santur e a partir de agora também da secretaria”, explicou. Segundo Valdir, desde o final de setembro, manifestações do trade apoiavam sua indicação. Mesmo assim, ele preferiu aguardar o convite oficial. Em sua opinião, o trabalho será facilitado, uma vez que já vinha exercendo a presidência da Santur. “A partir de agora o trabalho fica ainda mais integrado, já que estarei a frente da Setur e também coordenando as ações promocionais do estado junto aos destino emissores”, lembrou.

tegração das comunidades, pode ajudar a preservar nossa diversidade natural”, disse. O ministro Gastão Vieira reforçou a necessidade de se avançar rapidamente com os investimentos para receber os turistas que virão ao Brasil durante a Copa do Mundo da FIFA de 2014 e as Olimpíadas de 2016. Segundo Gastão, se o visitante estrangeiro for bem recebido, ficará como legado pós-megaeventos um aumento sensível no número de turistas estrangeiros. “Temos que melhorar o modelo de governança das empresas do setor e a qualidade dos serviços”, observou. O presidente da Embratur, Flávio Dino, frisou que um dos grandes desafios para o Brasil está na busca pelo crescimento sustentá-

vel do mercado. Flávio Dino colocou como prioridades do turismo alcançar preços mais justos e maior qualidade dos serviços. “Esse segmento possui caráter multifacetado e democrático, com papel predominante dos pequenos negócios”, ressaltou. Um dos destaques do acordo fica com uma pesquisa para avaliar o impacto econômico dos meios de hospedagem. O Sebrae e o Ministério do Turismo ainda vão realizar um levantamento sobre o setor de alimentação fora do lar, com suas principais demandas. Também será dada continuidade ao Índice de Competitividade, um diagnóstico de dezenas de destinos turísticos brasileiros considerados indutores do desenvolvimento regional. O índice permite o planejamen-

Luiz Barretto, do Sebrae, e o ministro do Turismo, Gastão Vieira, assinam o acordo

to por gestores públicos a partir de fatores como infraestrutura, acesso, serviços e equipamentos, políticas públicas, marketing e promoção do destino, economia local, capacidade empresarial, aspectos sociais, ambientais e culturais. A parceria prevê ainda estudos para ajudar na formulação e implementação de políticas públicas de caráter legislativo e administrativo para o turismo.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

O Sebrae e o Ministério do Turismo (MTur), juntamente com a Embratur, firmaram uma parceria até 2017 por meio de um acordo de cooperação técnica, que prevê estudos, certificações, cursos, seminários e outras iniciativas capazes de estimular o crescimento e o desenvolvimento do setor no país. Os investimentos previstos são de R$ 35,5 milhões. O acordo foi assinado pelo presidente do Sebrae, Luiz Barretto, e pelo diretor de Administração e Finanças da instituição, José Claudio dos Santos, pelo ministro do Turismo, Gastão Vieira, pelo secretário nacional de Políticas de Turismo, Vinícius Lummertz, e pelo presidente da Embratur, Flávio Dino. O Sebrae e o MTur atuam juntos desde 2003. O objetivo dessa nova cooperação será promover o desenvolvimento sustentável, a competitividade e o aperfeiçoamento técnico dos pequenos negócios do segmento turístico e de sua cadeia produtiva. “Temos a intenção de tornar o turismo brasileiro mais competitivo e forte, não só pelas circunstâncias dos grandes eventos esportivos que o Brasil está

recebendo, mas para o futuro. Por isso, a melhoria da gestão empresarial é fundamental”, afirmou Luiz Barretto. O presidente do Sebrae destacou que atualmente o turismo se tornou uma política de estado para ser desenvolvida a médio e longo prazo.Segundo o dirigente, o Sebrae pode contribuir para melhorar a qualidade da gestão dos pequenos negócios, que constituem a maioria das empresas de turismo. Barretto também assinalou a importância de se difundir conhecimento e informação, que ajudam a superar gargalos, e de se promover o acesso a novos mercados. O presidente do Sebrae defendeu ainda a ocupação racional dos parques ecológicos com o ecoturismo. “Uma ocupação ordenada, com in-

5


B RASIL

São Paulo eleva SPTuris à Secretaria Especial de Turismo Ronald Ázaro e Paulo Michel assinam a parceria para beneficiar a “Melhor Idade”

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Arthur Stabile

6

O turismo paulistano passa a ter uma ligação direta com o gabinete do prefeito Fernando Haddad. Isto será possível pela elevação do status da São Paulo Turismo (SPTuris) para Secretaria Especial de Turismo após requisição do Confederação Nacional do Turismo (CNTur) atendida pelo prefeito. “Agora a SPTuris terá status, regalias e responsabilidades de secretaria”, afirmou Haddad, que considera a ação uma aposta decisiva no Turismo. Em suma, a mudança elimina burocracias e aproxima questões do turismo do governo municipal, mas não extingue as atividades da SPTuris, que mantém sua atuação em conjunto com a nova pasta. Sendo assim, o seu presidente acumulará também o cargo de secretário especial para Assuntos de Turismo, função hoje ocupada por Marcelo Rehder. Segundo Haddad, alçar a autarquia

Setur-RJ e ABIH firmam parceria para descontos da Melhor Idade no Rio de Janeiro Luiz Marcos Fernandes Prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e Marcelo Rehder, novo secretário Especial para Assuntos de Turismo da cidade

à secretaria especial reconhece o turismo como uma das “molas propulsoras da economia da cidade”, além de deixar mais claros os desafios do segmento para os próximos anos. “É difícil uma cidade do mundo oferecer a diversidade que São Paulo tem”, argumentou o prefeito, que apontou leis de incentivo para transformar a Zona Leste da cidade em um pólo turístico como uma das ações a serem feitas.

Marcelo Rehder assume o comando da nova secretaria e ocupa o cargo de Secretário até sua saída, anunciada para novembro. “A área de turismo fala direto com o prefeito, sendo que antes ela era ligada a Secretaria de Governo. Isso mostra a importância dada pelo prefeito à área de Turismo”, comentou o presidente, que afirmou não existir um nome definido para sua sucessão.

“Não posso dizer não ao prefeito”, diz Marco Aurélio sobre SPTuris Cotado para assumir a presidência da São Paulo Turismo (SPTuris), o vereador Marco Aurélio Cunha (PSD) confirmou à reportagem do M&E que existem realmente conversas neste sentido. No entanto, garantiu que o convite oficial ainda não foi feito. Embo-

ra o PSD faça parte da base de sustentação do prefeito Fernando Haddad, ele disse que a possível indicação não é uma troca de cargo por apoio na Câmara Municipal. “Não posso dizer não ao prefeito”, declarou. “Isso está acima das vocações partidárias e não pode parecer

uma troca”, complementou o vereador. Mesmo afirmando que tudo conspira a favor para que ele assuma o cargo, Cunha ressaltou que é necessário estudar o projeto. “Temos que analisar a estrutura da SPTuris e ver se é possível cumprir as metas estabelecidas”, ressaltou.

Um acordo para descontos de até 30% nas diárias oferecidas ao público da Melhor Idade (acima dos 60 anos), por parte dos hotéis filiados à ABIHRJ, foi assinado durante cerimônia realizada na Estação do Bondinho do Pão de Açúcar. O evento reuniu dirigentes e hoteleiros do trade do Rio de Janeiro. Na ocasião, o secretário de Turismo, Ronald Ázaro, e o vice-presidente da ABIH-RJ, Paulo Michel, destacaram a iniciativa como meio de fomento para o turismo do estado nos períodos da baixa temporada. “É uma iniciativa que irá certamente trazer benefícios para o nosso setor e conta com o aval da hotelaria do Rio de Janeiro”, destacou Ázaro. Na opinião de Nauro Grehs, vicepresidente executivo da Setur-RJ, a implantação do programa no estado irá beneficiar principalmente o interior. “É uma forma de estimular a baixa temporada e creio que poderemos ter um incremento significativo já que os descontos chegam a 30% nas diárias, beneficiando esse grande mercado dos idosos que praticam viagens regionalmente, lembrou ele. Prestigiaram o evento o presidente da Bito, Salvador Saladino, o prefeito de Teresópolis, Arlei Rosa, e o secretário de Turismo, Henrique Carregal, o presidente da Riotur, José Carlos Sá, o presidente da ABBTur, Elzario Junior, o subsecretário de Turismo, Pedro Guimarães, além de representantes do trade. Ao final do evento foi oferecido um coquetel aos convidados. Atendimento ao turista – Com o objetivo de discutir ações de proteção ao turista consumidor e preparar ações para

prevenir eventuais conflitos de consumo, estabelecendo procedimentos de contingenciamento e solução de demandas, foi realizada, na sede da Secretaria de Estado de Turismo, a reunião do Comitê Técnico de Consumo e Turismo do Ministério da Justiça. Os encontros têm sido promovidos nas cidades-sede da Copa do Mundo de 2014. Na reunião foram tratados temas como hospedagem, transporte urbano, terrestre e aéreo, serviços de bares e restaurantes, dentre outros. Segundo a secretária nacional do Consumidor do Ministério da Justiça, Juliana Pereira, o objetivo é formar uma rede de sinergia entre as entidades envolvidas na atividade turística. O encontro contou com a participação de membros do Comitê Técnico, representantes do mercado de turismo e órgãos de defesa do consumidor. Para o secretário de Estado de Turismo do Rio de Janeiro, Ronald Ázaro, a iniciativa do Ministério da Justiça, ao realizar as reuniões nas cidades-sede da Copa 2014, é louvável. “A Setur-RJ tem certeza que o bom atendimento é a ferramenta que falta para que o Estado do Rio de Janeiro se torne, definitivamente, uma potência mundial no segmento turístico”, disse. Na ocasião, o secretário também lembrou que o PIT (Programa Integrado do Turismo), criado e coordenado pela secretaria, já faz esse trabalho de apoio ao turista, uma vez que o programa integra todas as entidades envolvidas na recepção, atendimento, deslocamento e proteção ao turista. “Com a parceria do Comitê Técnico de Consumo e Turismo do Ministério da Justiça ampliaremos o trabalho”, finalizou.

Paulo Renato deixa Setur de Vitória; Leonardo Krohling assume Luciano Palumbo

Empresário do setor de turismo há mais de 15 anos, o ex-secretário de Turismo de Vitória, Paulo Renato Fonseca Júnior , deixou o cargo no dia 26 de setembro afirmandonão ter agido de má fé no processo da venda de bilhetes aéreos da sua empresa à Secretaria. “Quando a informação de que a empresa havia fornecido passagens à prefeitura chegou até a mim, não me senti mais à vontade. Sempre prezei pelas coisas certas. Não agi de má fé”, disse. Fonseca que assumiu a secretaria no inicio do ano, participou de feiras internacionais e workshops promovendo os atrativos da cidade em parceria com o trade local, empresários e a Secretaria Estadual de Turismo. “Deixei a gestão da Etérea a partir de 1º de janeiro e só retornei agora. Eu não estava vivendo a gestão da empresa”, afirma referindo-se ao caso onde sua empresa havia fornecido R$ 7,8

Paulo Renato Fonseca Junior

mil em passagens aéreas dos R$ 75 mil adquiridos pela prefeitura, sem licitação. “Conversei com o prefeito e com outros secretários, levantei todas as informações para me inteirar, mostrei a minha isenção e a falta de conhecimento daquilo. Mas eu não me sentia à vontade de ficar à frente da secretaria enquanto acontecia uma sindicância”, disse. Agora, Fonseca volta ao comando da Etérea Viagens e Turismo e a Fomatur Turismo, empresas voltadas aos segmentos de turismo de eventos e receptivo. “Estou à disposição da gestão para contribuir no que puder”, finalizou. Com a saída de Paulo Renato, quem assume o posto interinamente é Leonardo Caetano Krohling, até então subsecretário.


B RASIL

Paraná decide unir Turismo e Cultura e provoca protestos Luiz Marcos Fernandes Flávio Dino

Embratur disponibiliza R$ 12 milhões em verbas descentralizadas

CNTur reitera que representa o setor de turismo no país A Confederação Nacional do Turismo (CNTur) reitera que não foi derrotada na ação que move contra a Confederação Nacional do Comércio (CNC) relativa à representação sindical da categoria do Turismo. De acordo com comunicado da entidade, o Tribunal Superior to Trabalho (TST) julgou uma ação no dia 4 de setembro. Nela, está previsto o cancelamento de uma multa imposta em instâncias inferiores em outro processo que pedia a devolução das contribuições sindicais feitas à CNC no ano de 2009, reforça a entidade em comunicado. Ainda conforme o comunicado, tal derrota pode ainda ser revista assim que o processo sobre a representação sindical – considerado por ela o mais importante – transite em julgado. Neste processo (AIRR 536-41.2009.5.10.0018), a CNTur já obteve vitórias nas primeira, segunda e terceira instâncias e conta, inclusive, com um Mandato de Segurança a seu favor. No momento, há um último recurso da CNC a ser julgado antes que ele transite em julgado. A CNTur afirma no comunicado oficial que “a partir de 28/01/ 2009, data do registro da entidade, somente a esta cabe a representação das categorias econômicas de empresas de turismo”.

de visitantes, sendo que 8,3% destes são turistas internacionais – 1,2 milhão de visitantes estrangeiros. A Secretaria de Estado do Turismo foi criada em 2003 e, nesta década, a receita gerada pelo setor cresceu mais de 400%. Dados estes, apontados por uma pesquisa feita pela própria Secretaria de Estado do Turismo. “Neste sentido, a cidade de Curitiba, uma das sedes da Copa, terá a oportunidade de se posicionar como um dos melhores destinos turísticos das Américas, destacando sua infraestrutura urbana, sua moderna gestão e os índices acima da média nacional, com relação à qualidade da prestação de serviços. Como podemos facilmente perce-

ber, esta decisão impacta vários processos em andamento, de grande relevância para o crescimento e fomento econômico do Estado do Paraná. Portanto, os presidentes das entidades abaixo relacionadas solicitam uma audiência pública de caráter emergencial para que possam ser apresentados números do setor e argumentos que esclareçam o Governo do Estado sobre a importância da Secretaria de Estado de Turismo e do segmento enquanto setor econômico. Analisando os números fica claro o entendimento de que a decisão deveria ser de continuidade, não de estagnação. Essa decisão mostra que o Governo do Estado está agindo na contramão da história” afirma o documento.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

A Embratur disponibilizou R$ 12 milhões para o programa de verbas descentralizadas neste ano. As propostas devem ser de ações de marketing para promoção e divulgação internacional dos destinos e produtos turísticos dos estados. O montante destinado a cada estado foi definido a partir de critérios do Fornatur com dados atualizados em 2013. As ações de promoção e divulgação devem ser voltadas para os cinco grandes segmentos turísticos: Sol e Praia; Cultural; Esportes; Ecoturismo e Aventura; Negócios, Eventos e Incentivo (diversificação de produtos). “É importante que os dirigentes estaduais responsáveis pela área de turismo organizem as propostas para utilização desta verba que o Governo Federal, por meio da Embratur, repassa aos estados. As ações de marketing internacional são fundamentais para aumentarmos o fluxo do turismo internacional em nosso país”, observou o presidente da Embratur, Flávio Dino. Os países alvos das ações são os maiores emissores de turistas ao Brasil: Argentina, Chile, Colômbia, Paraguai, Peru, Uruguai, Bolívia, Alemanha, Espanha, Estados Unidos, França, Reino Unido, Itália, Holanda, Portugal, Canadá. Os técnicos da Embratur estarão disponíveis para atendimento técnico individualizado com os estados entre os dias 21 e 31 de outubro mediante prévio agendamento pelo seguinte email: verbaestados@ embratur.gov.br.

O governador do Paraná, Beto Richa, decidiu mudar a estrutura de seu governo e unir as secretarias de Turismo e Cultura. A medida levou a Abav-SC e outras entidades representativas do setor a protestarem por entender que tal decisão esvazia politicamente o setor. “Enquanto todas as cidadessede dos eventos esportivos de 2014 estão se organizando para estimular o turismo, o Paraná perde a sua dianteira. Para ver como uma estrutura especializada é importante, a cidade de São Paulo criou sua Secretaria Municipal de Turismo. Nós, que tínhamos uma boa estrutura com dez anos, agora

ficamos sem o aporte de nosso Governo do Estado. O fim da Setur mostra um retrocesso”, desabafou o presidente da Abav-PR, Roberto Bacovis. A Federação de Convention & Visitors Bureau do Estado da Paraná (FCVB-PR) afirmou que várias entidades representativas encaminharam um manifesto destacando sua indignação e repúdio à “arbitrária” decisão do Governo do Estado do Paraná de extinguir a Secretaria Estadual de Turismo, condensando-a na pasta da Secretaria da Cultura. O documento lembra que no Paraná, a receita gerada pelo setor em 2012 foi de R$ 4 bilhões. O estado recebeu um fluxo de turistas de 13,6 milhões

7


E XTERIOR

França divulga Provence no RJ e alcança nove workshops em 2013

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Pedro Menezes

8

É contabilizando a chegada de 83 milhões de turistas em 2012 e sendo considerado o destino europeu preferido pelos brasileiros, a frente de Espanha, Portugal e Alemanha, que a França continua buscando números positivos para o ano de 2013. E no último dia 26 de setembro, no Rio de Janeiro, não poderia ser diferente. Responsável por organizar nove workshops só neste ano – dois ainda por acontecer e abrangendo diversas regiões – a Atout France, empresa de divulgação do destino, investe mais uma vez no mercado brasileiro, na ocasião, divulgando a região de Provence e as peculiaridades deste que é o destino preferido do turismo doméstico europeu e reuniu, só em 2012, 120 mil brasileiros. “Recebemos em média cerca de 30 milhões de turistas ao ano. Deste número, podemos contabilizar seis milhões de estrangeiros com uma média de 100 a 120 mil brasileiros. Na região de Provence, encontramos

Ricardo Hida, Rabiha Benaissa e Yannick Le Magadure

cidade como Saint-Tropez, Marseille e Avignon, por exemplo. Este é nosso primeiro trabalho com workshops aqui no Brasil e, neste último dia (após passar por outros estados como São Paulo), posso dizer que o contato de nossos 30 representantes, de diferentes áreas da região de Provence, com os profissionais brasileiros, foi demasiadamente satisfatório”, destacou Yannick Le Magadure, diretor de Marketing do Comitê Regional de Turismo de Provence. Diversificar - A França quer divulgar as diferentes atividades encontradas por lá. Predominantemente cercado pelo patrimônio cultural e histórico, o país europeu tende a mostrar as novas opções que o público final pode encontrar, desconcentrando, deste modo, a sua divulgação turística. “Tratamos o patrimônio cultural e histórico ainda como principal atrativo, mas queremos divulgar a França caribenha, focar mais em nossa gastronomia e investir nos esportes radicais e no turismo sustentável”, salientou Ricardo Hida, diretor Comercial adjunto da Atout France no Brasil. O turismo francês contabilizou 3,5 milhões de pernoites em 2012. “Tivemos 83 milhões de turistas em 2012. Este número pode apresentar um crescimento de 6% a 8% até o final de 2013. A alta do dólar acabou esfriando um pouco o 2º trimestre, mas nada que não deixe retomar o crescimento durante o resto do ano”, finalizou.

VisitBritain prevê Brasil nos Top 10 emissores de turistas até 2020

Samuel Lloyd, Mitsi Goulias, Karla Ventura e Keith Beecham, do VisitBritain

Samantha Chuva

No início de outubro o Brasil recebeu o 3º Workshop VisitBritain. O evento teve início em São Paulo, nos dias 01/11 e 02/11, enquanto o terceiro dia do encontro aconteceu no Rio de Janeiro. De acordo com Samuel, a realização do workshop é importante para aproximar os agentes de viagem brasileiros dos operadores britânicos. Durante os três dias de evento, que contou com 28 fornecedores britânicos, foram registrados 150 participantes. Para o diretor internacional do VisitBritain, Keith Beecham, o mercado brasileiro, na Grã-Bretanha, cresceu muito nos últimos anos. “Atualmente, o Brasil ocupa o 22º lugar no ranking dos países que mais emitem tu-

Expositores do 3º Workshop VisitBritain

ristas para a Grã-Bretanha, sendo que 70% desses visitantes viajam a lazer. Apenas no ano passado, 260 mil brasileiros estiveram na Grã-Bretanha”, ressalta o diretor internacional. Beecham ainda destacou que nos últimos dez anos o número de turistas brasileiros na Grã-Bretanha vem crescendo 17% a cada ano, assim como a quantia gasta pelos turistas, que teve um crescimento anual de 15%. Segundo Beecham, o objetivo para 2020 é colocar o Brasil entre os dez primeiros países emissores de turistas. Para atingir a meta, o diretor internacional destaca quatro pilares que precisarão ser trabalhados a fim de aumentar a demanda. Em primeiro lugar, segundo Beecham, é preciso ‘melhorar a imagem do destino’ e

fazer com que os turistas se sintam bem-vindos na Grã-Bretanha. Seguido pela ‘oferta de produtos’, para fazer com que o turista se interesse por outros destinos além de Londres. Em terceiro lugar é preciso pensar em novos canais de distribuição que podem ser somados à estratégia do VisitBritain. Por fim, o órgão deve focar na melhoria do acesso dos turistas brasileiros aos destinos da GrãBretanha. “A partir de novembro, a British Airways vai trocar seu equipamento de forma que a capacidade de passageiros aumente 70%. Tenho certeza que essa iniciativa vai ajudar no acesso aos destinos. Temos o planejamento de fazer a mesma ação com outras companhias”, finalizou o diretor internacional.

Toscana é tema de treinamento do Enit no RJ e SP Anderson Masetto

De acordo com estimativas da Agência Nacional Italiana de Turismo (Enit), a Itália deve receber cerca de 800 mil brasileiros neste ano, sendo que 25% deste público deve visitar a Toscana. Para atualizar as agências e operadoras do país, foi realizado, no início de outubro, o seminário “Descobrindo a Toscana”. Organizado pelo Enit em parceria com a Câmara de Comércio de Florença e Metrópole, o evento contou com 15 empresas da região, entre hotéis e operadores e passou por São Paulo e Rio de Janeiro. “Este é o segundo ano em que trazemos os operadores da Toscana para se encontrarem agentes e operadores do Brasil”, contou Bruno Aloi, representante da Câmara de Comércio de Florença e Metropole no Brasil. Segundo ele, o resultado de 2012 foi muito bom, por isso o even-

to conta com mais parceiros neste ano. “Os operadores gostam muito deste tipo de evento e os resultados costumam aparecer rápido, porque o contato é direto”, ressaltou Aloi. De acordo com a responsável por PR e Trade do Enit, Fernanda Longobardo, esta região está entre os três destinos preferidos dos brasileiros. Além dos atrativos locais, ela credita também este interesse à novela Passione, da Rede Globo. Segundo ela, enquanto o folhetim estava sendo exibido, o número de brasileiros na Toscana cresceu 67%. Hoje o incremento é de aproximadamente 50%, maior do que o geral no país. “Em toda a Itália tivemos um aumento de 40% no número de brasileiros até agosto deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado”, disse. “A Toscana continua sendo um dos destinos mais requisitados”, complementou.

Bruno Aloi, da Câmara de Comércio de Florença e Metrópole, e Fernanda Longobardo, do Enit


E XTERIOR

Expositores do Peru

Miguel Cuya, Patrícia Vargas, Patrícia Cano, Milagros Ochoa, Claudia Miranda, e Javier Losno, da delegação peruana, com Rosa Masgrau do M&E

Miguel Cuya, do Libertador Hotels, com Claudia Miranda, do Sonesta Collection

Gizele Saraiva e Leandro Bogzevicius, da Tam Viagens

Peru divulga potencial da hotelaria e gastronomia no Rio e São Paulo O potencial da hotelaria peruana e a diversidade e sabor da gastronomia foram destacados em eventos no Rio e em São Paulo. Na capital fluminense, foi realizado um almoço pela PromPerú para cerca de 70 operadores e representantes do trade, no Copacabana Palace. Na ocasião, Milagros Ochoa de Koepke, diretora de Promoção do Turismo da PromPerú, destacou a infraestrutura do país para o turismo de lazer e negócios. “Temos em Lima cerca de 3.800 quartos de hotéis cinco estrelas e a cada dia novas redes nos procuram. Na semana passada, a Dazzler, uma rede argentina, inaugurou um novo hotel na capital, que trabalha com grandes redes internacionais como Sonesta, Marriot, Orient-Express, entre outras. É importante que o mercado brasileiro tome conhecimento dessa infraestrutura que dispomos para receber bem o turista”, adiantou ela. A dirigente destacou também a diversidade gastronômica do Peru. Após a realização de um coquetel e exibição de um vídeo, os hoteleiros que integravam a comitiva fizeram uma rápida explanação de cada um dos meios de hospedagem, durante almoço onde o cardápio inclui pratos típicos da culinária peruana. Executivo de Vendas da rede Westin, Miguel Cuya destacou algumas características dos oito hotéis que a rede tem não apenas em Lima, mas também em Paracas, Titicaca e Arequipa. Já Patrícia Vargas, representante da PeruRail falou sobre os roteiros ferroviários que o grupo oferece no Peru. Javier Losno, gerente de Vendas da Marriot, destacou o hotel com 300 quartos em Lima e também as unidades de Machu Pichu e Cusco. Já Claudia Miranda, gerente de Mercado do grupo Sonesta, apresentou um resumo dos oito hotéis que a rede mantém no Peru, destacando os empreendimentos de Miraflores, Vale Sagrado, Titicaca e Arequipa. Jiovana Alves, gerente regional Brasil da Orient Express, falou dos cinco empreendimentos e do serviço do trem de luxo. Antes de encerrar, Patricia Valdizan destacou as unidades da rede Los Portales como representante do Country Club, que conta com um hotel com campo de golfe e muito requinte. O M&E foi representado por sua diretora de Marketing Internacional, Rosa Masgrau. Em São Paulo, foram realizados um jantar e um almoço. Com a captação de três milhões de turistas por ano, o Peru vê o Brasil como um dos “parceiros de primeira ordem”, como afirmou o conselheiro comercial da Promperú no Brasil, Antonio Castillo, explicando que não só a economia facilita esta interação, mas também a geografia. O objetivo é aumentar o fluxo de brasileiros nos destinos peruanos. Em 2012 foram 160 mil turistas. Para 2013, a expectativa é ter 180 mil brasileiros, dos mais de 2,5 milhões de turistas que o país recebe.

Milagros Ochoa, Antonio Castillio e Daniella Panzoldo, da Promperú

Rita Guimarães e Rosana Trapani, da Nascimento Turismo

Patricia Vargas, da PeruRail, com Jiovana Alves, da Orient-Express

Eduardo Barbosa, da Flot, com Mari Masgrau, do M&E

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Luiz Marcos Fernandes, Lisia Minelli e Arthur Stabile

9


HOTELARIA

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Bar com serviço 24 horas

10

Fitness Center para manter a forma

Restaurante com capacidade para 48 pessoas

Buffet com opções variadas

GJP investe R$ 40 milhões e inaugura Linx Galeão Luiz Marcos Fernandes

Depois do lançamento do hotel de Confins, a GJP dá prosseguimento ao programa de abertura de hotéis nos principais aeroportos do país. Dessa vez, com a inauguração do Linx Hotel International Airport, no Galeão. A festa de inauguração aconteceu no último dia 09. A nova unidade exigiu investimentos de R$ 40 milhões e a construção demandou 21 meses. O novo hotel é resultado de uma concessão da Infraero à GJP, que terá direito de ope-

Alberto Grau e Francisco Faria, da GJP

rar o empreendimento durante 25 anos. Com 8,5 mil m2 de área construída em um terreno de 4,8 mil m2, o Linx Galeão dispõe de 162 apartamentos, distribuídos em seis andares. São dois tipos de quartos – standard, com 19,5 m2, e superior, com 24 m2, maiores do que os de outros hotéis de categoria econômica, e que contam com ar condicionado, TV, frigobar, mesa de trabalho e vidros duplos. O hotel disponibiliza também nove apartamentos para pessoas com deficiência. As diárias normais variam de R$ 448 (single standard) a R$ 498 (duplo standard), sendo que até 20 de dezembro valem as diárias promocionais a R$ 380. Localizado em uma área da Infraero, a cinco minutos do Aeroporto Internacional Antonio Carlos Jobim, o novo empreendimento da GJP Hotels & Resorts foi erguido pela Ivo Rizzo Construtora e Incorporadora

e decorado pela Obino Souzapinto Arquitetura e Urbanismo. Operando em soft opening desde o dia 3 de outubro, o Linx Galeão oferece aos hóspedes, além de localização privilegiada perto do aeroporto e próxima aos centros de negócios da capital fluminense, o restaurante Cygnus, com serviço à la carte e buffet; dois bares - lobby bar e o pool bar; piscina, salas de ginástica, lavanderia, business center, wi-fi gratuito em todo o hotel e cafeteria. O empreendimento também conta com duas salas de reuniões e capacidade total para 170 pessoas. O Linx Galeão soma cerca de 300 colaboradores diretos e indiretos e oferece ainda diária day use, com valor de R$ 350. A sustentabilidade foi uma das preocupações da GJP Hotels & Resorts nas obras do Linx. A técnica construtiva utilizada incluiu estruturas e painéis de fachada pré-moldados, além de uso de lâmpadas led e aquecimento solar. Quem responde pela gerência geral do hotel é Francisco Faria, gerente de Implantação da GJP, que até então estava no Iguassu Resort e, desde maio, foi convidado

por Guilherme Paulus para assumir o cargo na implantação do novo empreendimento. Outras novidades do hotel são o sistema de transfer oferecido aos hóspedes, que têm inclusive um telefone no Terminal 1 do Galeão para solicitar o serviço gratuito com saídas a cada 15 minutos. Nos apartamentos há um canal que informa saídas dos voos. O serviço de bar funciona 24 horas. O gerente geral do hotel, Francisco Faria, destacou as facilidades para quem usa o aeroporto. “No terminal 1 teremos um telefone com ligação direta com a recepção”, adiantou. Em relação à expectativa da taxa de ocupação, o diretor da GJP, Alberto Grau, estima que, neste primeiro momento, fique na marca de 50%. Futuramente, a ideia é chegar a casa de 80%. Para isso, o grupo já fez acordo com as companhias aéreas para receber tripulantes e passageiros em casos de voos cancelados ou adiados. Novos hotéis - Até 2016 a GJP vai inaugurar mais quatro empreendimentos. Além de Confins e Vitória, estão previstos os hotéis de Juiz de Fora e Santos Dumont. “Em 2015 estaremos abrindo os hotéis do Santos Dumont, além de Confins e Vitória. Em 2016 será a vez de Juiz de Fora. No total, os investimentos devem somar algo em torno de R$ 300 milhões”, afirmou ele.

Decoração clean e moderna

O hotel tem opções de transfer gratuito ao aeroporto

São 27 apartamentos categoria superior

Vista da fachada do hotel

Vista do lobby


HOTELARIA

Radisson Faria Lima entrega parte de reforma e anuncia nova categoria Anderson Masetto

Meliá reúne segmento Mice na 3ª edição de seu Trade Show

Daniel Hirata, gerente de Vendas Mice e Elizabeth Santos, gerente de Vendas Brasil

Segmento Mice se reúne noTrade Show Meliá

Lisia Minelli

Com objetivo de apresentar toda a oferta da rede Meliá aos organizadores de eventos, agências e operadoras corporativas, empresas e group desk, o grupo promoveu a terceira edição do Trade Show Meliá Hotels. O evento reuniu cerca de 250 pessoas do segmento Mice e a participação de representantes dos hotéis da rede de São Paulo, Brasília, Campinas e Angra dos Reis. Além de representantes internacionais do México, Argentina, Espanha e Reino Unido. Segundo Elizabeth Santos, gerente de Vendas Brasil, a cada ano o evento cresce em público. “O mercado brasileiro carece de informação e nossos clientes têm muito interesse em saber mais sobre nossos hotéis”, disse. Entre os diferenciais da rede que foram apresentados no Trade Show está a unidade do México, que tem uma gerente de Vendas brasileira para atender ao mercado. Lançamentos – Já entre as novidades, a gerente citou o Meliá Brasília, que ganhou o primeiro The Level do país – uma andar exclusivo para o corporativo com diversos benefícios e facilidades. A ideia é implantar o conceito em outras unidades da rede. Outra novidade anunciada é a abertura do Tryp Belo Horizonte, prevista para fevereiro de 2014. Este será o primeiro hotel da rede na cidade; assim como o Innside Recife, nova marca da Meliá a se instalar no Brasil. A previsão de abertura é início de 2015.

Royal, a mais luxuosa do hotel. Além da Cama dos Sonhos – exclusiva da rede Atlantica –, ele conta com uma gama maior de serviços como café da manhã servido no apartamento, por exemplo. Dos andares Leandra Gallo, gerente geral do hotel reformados, há um em um dos apartamentos reformados Lobby ganhou nova decoração sem carpetes. Tanto quartos como corredores receberam 200 pessoas em auditório e uma tiver concluída, o hotel terá três piso de PVC anti-alérgico. nova sala para reuniões. O restau- suítes, que terão o dobro do tamaA área de eventos ganhou o do- rante ganhou um moderno painel nho dos atuais apartamentos (64 m²), bro da capacidade e um novo foyer, grafitado e ampliou a capacidade de com dois ambientes, sendo sala de mais espaçoso. São três salas mo- 82 para 132 lugares. estar e quarto, novos acabamentos duláveis que podem receber até Suítes – Quando a reforma es- e mobiliário, além de banheira.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Em março de 2014, o Radisson Faria Lima será um novo hotel. Na ocasião será entregue a terceira e última fase de uma reforma que abrange todo o empreendimento, incluindo apartamentos, áreas comuns e de eventos. O retrofit teve início em 2010 e a primeira fase envolveu a renovação de 78 quartos, depois foram mais 65 apartamentos, além de lobby, recepção, restaurante e espaços para eventos. Para a última etapa, a novidade é a criação de uma nova categoria de hospedagem, com três suítes e novos apartamentos da

categoria Royal. “Tínhamos um produto que foi elaborado em 2001 e precisava de atualização. Focamos em três aspectos: iluminação, decoração e conforto”, explicou a gerente geral do hotel, Leandra Gallo. Com os apartamentos reformados, foi criada a categoria Business Class, que conta com um mobiliário novo e serviços personalizados. Hoje dois terços dos quartos do Radisson Faria Lima contam com esta configuração. Quando a segunda etapa foi entregue, em 2012, o empreendimento passou a contar com um andar exclusivo para a categoria

Restaurante

11


HOTELARIA

Com aporte de R$ 30 milhões, Jatiúca renova áreas e ganha Centro de Convenções Anderson Masetto

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Vista de fora do novo Centro de Eventos do Jatiúca

12

Cláudio Cordeiro, diretor geral do Jatiúca, com Arthur Lundring, conselheiro da Pernambucanas, proprietária do hotel, e sua esposa, Renata Franco

Sala Jatiúca, que recebe até 500 pessoas

Uma das montagens da sala Ipioca, que pode atender até 100 pessoas

Um dos hotéis mais tradicionais de Maceió (AL), o Jatiúca, está se renovando. O resort está investindo R$ 30 milhões em uma série de melhorias e no início de outubro apresentou mais uma etapa, um novo Centro de Eventos, que conta com nove salas e capacidade para até 1,2 mil pessoas em um espaço de 1 mil m². Antes, o hotel contava apenas com duas salas para eventos, que tinham capacidade para 400 pessoas. A nova área aproveitou, além das antigas salas, um prédio de dois andares que abrigava a estrutura administrativa de empreendimento. “É a primeira grande reforma do hotel, que está prestes a completar 35 anos”, disse o diretor geral do empreendimento, Claudio Cordeiro.

A gerente de vendas, Ana Cláudia Nobile, afirmou que atualmente o setor de eventos é responsável por cerca de 6% da receita total do hotel. Com a nova estrutura, a expectativa é dobrar este percentual em um ano. “Temos potencial para chegar a 30% em três anos”, acredita. “Temos um espaço muito flexível e a intenção é que ele ajude a aumentar a ocupação na baixa temporada”, complementou. Novas áreas - Em novembro, o hotel ganhará ainda mais novidades. Está sendo concluída uma nova área de lazer, que incluí um complexo gastronômico com um restaurante de capacidade para até 320 pessoas e um bistrô com 80 lugares; além de novos espaços de lazer, o espaço kids club e um spa. A renovação não termina com a entrega destes novos equipamentos. Ainda em 2013, o empreendimento dará início a construção de um novo bloco de apartamentos, com 57 UHS, que devem ser entregues em 2014. Atualmente o empreendimento possui 174 apartamentos, sendo 96 localizadas no Jatiúca Hotel e 78 no Jatiúca Suítes. “O projeto completo de modernização do complexo está previsto para ser entregue em outubro de 2015, quando o hotel completa 35 anos”, ressaltou Cordeiro. A secretária de Turismo de Alagoas, Danielle Novis, prestigiou a inauguração do novo espaço e destacou que o Jatiúca é um ícone para o Turismo do estado. Para ela, o centro de eventos do hotel fortalece a política da Secretaria que é colocar o destino como um pólo de eventos. “Temos uma das redes hoteleiras mais modernas do país, com 20 inaugurações em quatro anos”, afirmou.

Yvis Pericaut, primeiro diretor do hotel, com Cláudia Pessoa, secretária de Turismo de Maceió

Danielle Novis, secretária de Turismo de Alagoas

Ana Cláudia Nobile, gerente de Vendas do hotel


R EPORTAGEM E SPECIAL

Restaurante 4 Season, do MSC Orchestra

Cabines com varanda, do Splendour of the Seas

Cruzeiros: entre a calmaria e a

expectativa de bons negócios Lisia Minelli e Luiz Marcos Fernandes

Apesar da CLIA Abremar Brasil (Cruise Lines International Association) prever uma redução no volume de cruzeiros marítimos no Brasil, fator atribuído principalmente a falta de investimentos e melhorias nos portos no país, a temporada começa, em poucos dias, com expectativa de boas vendas. Nem mesmo a redução no volume de transatlânticos é suficiente para que as empresas deixem de acreditar numa recuperação lenta e gradual do mercado. No período 2012-2013, os 15 transatlânticos que percorreram a costa brasileira transportaram 732.163 cruzeiristas. Isso representa uma queda de 9% sobre o total da temporada anterior (2011/2012), onde foi registrado o embarque de 805.189 passageiros. Os altos custos de operação e os impostos praticados no país têm, segundo as companhias, afastado as armadoras. Com isso, o Brasil perdeu duas posições no ranking mundial de transporte de passageiros em cruzeiros marítimos, caindo da quinta para a sétima colocação. “Já ocupamos a quinta colocação neste ranking, mas por causa dos altos custos da atividade no Brasil, principalmente tributários, que têm deixado o país menos competitivo, estamos perdendo posições para outras regiões, como a Australásia (englobada por Austrália, Nova Zelândia e Indonésia) que, com verão simultâneo ao nosso, registrará crescimento de 155% em seu turismo marítimo até o fim do ano”, disse Ricardo Amaral, presidente da associação. No ranking da CLIA do ano de 2011, os Estados Unidos figuram na primeira posição com 10,44 milhões de passageiros embarcados, seguido de Inglaterra (1,7 milhão), Alemanha (1,38 milhão), Itália (923 mil), Canadá (763 mil), Espanha (703 mil) e Brasil. Vendas – Mesmo com as oscilações do dólar, a constatação de algumas das principais companhias de cruzeiros é de que possam chegar a um patamar elevado de vendas para a temporada 2013/2014. A Costa Cruzeiros terá uma oferta de 142.440 leitos para a América do Sul. Até o fechamento desta edição, o volume de vendas já havia ultrapassado a barreira de 63% do total e a expectativa é que esses números cresçam rapidamente com a proximidade do início da temporada. Mesmo com a redução de navios para a temporada 2013/ 2014, a Costa Cruzeiros soma bons resultados na procura de viagens. “A Bahia é um dos destinos mais procurados, assim como Buenos Aires e Montevidéu”, disse Renê Hermann, diretor geral da Costa Cruzeiros. Já a MSC, que a partir da temporada de 2014/2015 terá um novo modelo de tarifas, adotadas pelo tipo de acomodação e pelas diferentes experiências e serviços especiais a bordo, também está otimista. Segundo Adrian Ursilli,

diretor Comercial e de Marketing, a maior novidade fica por conta do mais novo navio da frota, o MSC Preziosa. “Teremos uma temporada recheada de novidades com novos navios, rotas e facilidades de pagamento em até 10 vezes sem juros”. Na Royal Caribbean, Ricardo Amaral, vice-presidente para América Latina e Brasil, lembra que a Royal é a marca mais conhe-

cida e que registra maior participação de brasileiros. “Isso por conta do reconhecimento do mercado e do público”, avalia. Na Pullmantur, o primeiro passo para consolidar a presença no Brasil e nos países do Cone Sul, foi a abertura do escritório na Latina América. Com isso, a prioridade a partir de agora são ações de comercialização no Cone

Sul. Segundo o diretor geral da companhia na América Latina, Luis Vizcay Villela, hoje o mercado de cruzeiros latino-americano representa 65% dos clientes. “Queremos dobrar o número de passageiros nos próximos dois anos”, disse, referindo-se ao objetivo de atingir 500 mil passageiros na região. Atualmente, a Argentina corresponde a 15% das vendas de América Latina para a companhia. “O Brasil tem a maior fatia do mercado latino-americano, com 50% das vendas de cruzeiros. Queremos ampliar este share na

região nos mercados da Argentina, Chile, Uruguai e Colômbia”, disse. Já Alexandre Zachello, diretor geral da Pullmantur no Brasil, destacou que a empresa vai manter a mesma oferta do ano passado. “Isso porque acreditamos no mercado brasileiro. A expectativa é atingirmos mais de 150 mil passageiros, tal como tivemos na temporada passada. Comparativamente com o mesmo período do ano anterior, estamos cerca de 15% acima em números de passageiros reservados, além de uma maior rede de distribuição”.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Temporada 2013/2014 terá início em breve, com 11 navios, e companhias já registram mais de 60% de cabines vendidas

Zenith, da Pullmantur

13


R EPORTAGEM E SPECIAL

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Costa Fascinosa está confirmado para esta temporada

14

Números do setor oscilam Ao todo, em 2012/2013 foram 280 atracações em 19 portos nacionais ao longo de quase seis meses. Uma pesquisa, com dados consolidados da temporada, está sendo preparada pela CLIA Abremar, mas ainda se encontra em estágio preliminar e não tem previsão de publicação. Para a temporada de cruzeiros 2013/ 2014, 11 navios farão roteiros pela costa brasileira. “As companhias têm um problema recorrente no Brasil em relação à infraestrutura e custos muito altos. Isso faz com que os investimentos sejam reavaliados, o que é demonstrados nos números atuais da temporada e a redução ainda maior para 2013/2014”, avaliou Amaral. Com a retração do setor de cruzeiros marítimos, todo o turismo nacional é prejudicado. O fluxo de turistas diminui nas cidades-esca-

Alexandre Zachello, da Pullmantur

Adrian Ursilli, diretor Comercial da MSC

la, com isso, o impacto econômico gerado pelas atividades locais (bares, restaurantes, passeios e venda de suvenires) e a geração de empregos diminuem. Segundo Adrian Ursilli, diretor comercial da MSC

Ricardo Amaral, vice-presidente da Royal Caribbean para a América Latina, México e Caribe

Renê Hermann, diretor geral do Grupo Costa para a América do Sul

Cruzeiros, há demanda e inúmeras oportunidades a serem melhor aproveitadas. “Estatísticas de mercado dizem que existe no Brasil mais de 20 milhões de pessoas com capacidade para consumir produtos

turísticos, no escopo de custos de cruzeiros”, advertiu. Para ele, embora o Brasil tenha forte potencial de crescimento, enfrenta uma barreira limítrofe para deslanchar no setor de cruzeiros, “mas esses fatores des-

pela Presidência da República, a Medida Provisória 595/12. A presidente Dilma Rousseff aprovou o texto, mas fez vetos. Um dos pontos retirados por Dilma foi a prorrogação obrigatória de concessões em portos públicos por mais de 25 anos - podendo chegar a 50. A presidente também vetou a criação de terminais industriais nos portos organizados.

Para Amaral, mesmo com a recente aprovação da MP dos Portos (MP595) a tendência é que o Brasil perca espaço no cenário mundial de cruzeiros. “Eu considero a aprovação da MP um avanço, pois indica que o governo entendeu a necessidade de competitividade dos portos. Embora ela tenha muito mais foco nas cargas (importação e exportação)

favoráveis abrangem o Turismo no Brasil de uma forma geral”, disse. Renê Hermann, diretor geral do Grupo Costa para a América do Sul, concorda com as dificuldades da operação no Brasil. Para ele, apenas uma política integrada de fomento aos cruzeiros pode trazer resultados concretos a curto prazo. “Precisamos urgentemente de políticas públicas que incentivem a melhoria de infraestrutura dos portos do nosso país assim como uma legislação específica. O mercado de cruzeiros está em ascensão e traz uma série de benefícios ao país. O Brasil pode estar novamente em quinto lugar no ranking de cruzeiristas, gerar um melhor impacto econômico para seus destinos e atingir a marca de um milhão de passageiros transportados”, disse.

MP 595 – MP dos Portos Altos custos, complexidade da operação para navios, dificuldades burocráticas e alta carga tributária estão entre os empecilhos citados pelo diretor da Clia Abremar, Ricardo Amaral. “Cabe também citar a ausência de uma legislação mais específica que ofereça maior seguridade aos investimentos da iniciativa privada, ou mesmo de capital externo. Todavia, o setor

está disposto a realizar parcerias e têm mantido o diálogo junto ao governo e órgãos competentes para reverter o cenário e retomar o crescimento para o setor de cruzeiros no Brasil”, comentou. A necessidade, por parte do governo, de modernizar a infraestrutura portuária para atrair mais investimentos privados é urgente. Em 5 de junho foi sancionada,

– que foi o que motivou as discussões. As melhorias a serem feitas podem também beneficiar os cruzeiros”, comentou. A MP propõe rever entraves do setor portuário que acabam relacionados com os cruzeiros marítimos. Um novo e adequado marco regulatório facilitaria a parceria das armadoras com o poder público no sentido de investimentos no setor.


R EPORTAGEM E SPECIAL

Temporada em notas

Interior do MSC Orchestra

Total de navios encolhe 2010/2011 20 transatlânticos 2011/2012 – 17 transatlânticos 2012/2013 – 15 transatlânticos 2013/2014 11 transatlânticos

Área da piscina do Costa Favolosa

Piscina com telão do Splendour of the Seas

MSC Divina e MSC Preziosa possuem piscina com borda infinita

Navio Louis Aura fará roteiros por Fernando de Noronha

• MSC - Em novembro, chega ao Brasil o MSC Preziosa. Recém inaugurado em Gênova, a embarcação atraca no porto de Santos no dia 26, onde dará início aos seus roteiros de três e quatro noites pelas praias tropicais, e de seis, sete ou ainda oito noites pelo nordeste brasileiro. O MSC Magnifica chega ao país no dia 10 de dezembro. No

mesmo mês chega também o MSC Orchestra. Em Buenos Aires, atracará o MSC Poesia, que fará roteiros com destino ao Brasil.

O Sovereign tem capacidade para 2.733 passageiros, o Empress recebe até 1.877 passageiros e o Zenith, 1.828 passageiros.

• Costa - O Grupo Costa (Costa Cruzeiros e Ibero Cruzeiros) terá três navios na temporada 2013/2014. São eles: Costa Fascinosa, Costa Favolosa e Grand Celebration. Denominados “The Best of Costa”, os navios Costa Fascinosa e Costa Favolosa têm capacidade, cada um, para transportar 3.800 hóspedes e refletem o conceito de navios-destino com inúmeras atrações a bordo.

• Fernando de Noronha – O destino pernambucano vai voltar a receber os cruzeiros marítimos. A temporada vai começar no dia 28 de novembro e segue até 30 de março de 2014. O navio que fará as viagens é o Louis Aura, com capacidade para até 700 passageiros. Serão 21 escalas na ilha e os cruzeiros partirão do Recife, Natal, Fortaleza e João Pessoa. A previsão é transportar entre 14 e 16 mil turistas. Na temporada 2012/2013, pela primeira vez, em 23 anos, a ilha não recebeu cruzeiros. O Louis Aura é um dos navios estreantes nas águas brasileiras nesta temporada. A Brazilian Cruises Representation (BCR) é a responsável pelas operações e ven-

• Pullmantur - A Pullmantur trará para a temporada brasileira três navios: Sovereign, Empress e Zenith. Este último chega ao Brasil no dia 9 de dezembro para realizar cruzeiros pela Costa até 30 de março de 2014.

Empress, da Pullmantur

das. Além dela, a CVC também realiza vendas de cabines. Os roteiros terão duração entre duas e sete noites. • Mundo - A estimativa de passageiros em 2013, segundo dados da Clia, é de 20,9 milhões, incluindo América do Norte, Europa, Reino Unido, Canadá, Alaska, Ásia e Brasil. Este ano traz com ele novas tendências apuradas pela entidade. A grande tendência da indústria de cruzeiros tem sido a globalização de destinos e itinerários, com novos mercados geográficos e novas experiências emocionantes durante a viagem.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

• Royal Caribbean - O Splendour of the Seas, navio da Royal Caribbean que fará cruzeiros pela América do Sul, terá, na temporada 2013/2014, duas saídas temáticas. Os hóspedes poderão escolher entre o Royal Life, que repetirá em fevereiro o sucesso dos anos anteriores, ou o Royal Dance, que será realizado durante a viagem de travessia em abril, na qual o navio retorna para a Europa.

15


A VIAÇÃO

Tap confirma início de voos para Manaus e Belém em junho de 2014 Anderson Masetto

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

À direita, Julie Charros-Betancor, do Woodlands Resort e equipe da United Airlines

16

United e Woodlands Resort realizam evento para promover parceria Samantha Chuva

A United Airlines e o Woodlands Resort & Conference Center – que fica localizado a 43 km de Houston, nos EUA – realizaram, no Rio de Janeiro, o evento “Discover the World – United Airlines e The Woodlands Resort”, voltado para agentes de viagem e operadores com o foco tanto em turismo de lazer quanto de negócios. No evento, ambas as empresas apresentaram seus produtos. De acordo com a diretora geral da United para o Cone Sul, Cristiane Franck, a parceria com o hotel é de extrema importância, uma vez que Houston é o principal hub da companhia. “O objetivo desse encontro é aumentar o número de passageiros que voam pela United Airlines, promover a rota Houston-Rio de Janeiro – realizada com aeronave 777

– e divulgar o destino”, declarou a diretora geral. Segundo Cristiane, Houston é a porta de entrada da América Latina. Sua importância se dá por ser um destino que tem demanda o ano todo. “Durante a alta temporada o local é movido pelo turismo de lazer, enquanto nos outros meses do ano o foco é voltado para turismo corporativo, que sofre grande influência das companhias de petróleo sediadas em Houston”, explica a diretora geral. Julie Charros-Betancor, gerente internacional de vendas para o México e América Latina do Woodlands Resort, afirma que desde o surgimento da parceria da companhia aérea com o hotel, que foi realizada há sete anos, o hotel teve um crescimento de 290%. Para o final do ano, o esperado é que esse número aumente mais 10%. “Com

o novo voo direto da United ligando o Rio de Janeiro a Houston, esperamos que o número de hóspedes e turistas tenha um aumento significativo”, declara Julie Betancor. Julie ainda destaca que Woodlands vem investindo uma quantia considerável de dólares na América Latina para incentivar a compra de imóveis em Houston. “Uma em cada quatro casas adquiridas em Houston são de compradores da América Latina, esse é um mercado que cresce muito a cada ano”, aponta Julie. Para 2014, o hotel – conhecido por ser um polo de compras, golf, lazer e entretenimento – estará completamente renovado. “Estamos aplicando cerca de US$ 60 milhões para reformar todo o complexo até agosto do ano que vem. Dessa forma, esperamos receber melhor nossos clientes e atrair ainda mais visitantes”, conclui a gerente internacional.

Como antecipou o M&E em seu site no dia 19 de setembro, a Tap começa a operar um novo voo, três vezes por semana, entre Lisboa, Manaus (AM) e Belém (PA), a partir de 3 de junho de 2014. Luiz Mór, vice-presidente da empresa, ressaltou que o objetivo é tornar o voo diário. “Estamos muitos felizes com esta parceria e, desde já, avisamos que, dependendo da dinâmica das vendas, vamos estudar o aumento da frequência e até mesmo o desmembramento dos voos ainda em 2014", disse Mór. A cerimônia de lançamento oficial aconteceu no Algarve, em Portugal, e contou com a presença das autoridades do Turismo do Amazonas e do Pará. Entre eles, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, o secretário de Turismo do Pará, Adenaur Góes, a presidente da Amazonastur, Oreni Braga, o vice-governador do Pará, Elenilson Pontes, e o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho. Mario Carvalho, diretor da Tap para Brasil e América Latina, também esteve presente. “Uma das metas do Plano de Turismo

do Estado é melhorar a acessibilidade ao produto turístico paraense e para isso precisamos de novos voos. No caso de Portugal, estamos muito otimistas com o incremento no fluxo de turistas portugueses e de toda a Europa para o Pará”, declarou Adenauer Góes. A rota será operada com um dos dois novos Airbus A330 que a Tap adquiriu recentemente e o voo terá duração de um pouco mais de seis horas. O voo sairá de Lisboa às 9h30, chegando a Manaus às 13h40. Na volta, a decolagem acontece às 14h30 da capital do Amazonas, depois sai de Belém às 19 horas para aterrissar em terras portuguesas às 6h45 do dia seguinte. Com esses voos, a Tap alcançará 12 cidades brasileiras. A aérea é hoje a que voa de mais cidades brasileiras para a Europa e também a que mais transporta passageiros do Brasil ao Velho Continente. São mais de 70 frequências semanais. São Paulo e Rio de Janeiro recebem mais de 25 voos por semana partindo de Lisboa. Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, Natal e Fortaleza também recebem voos da companhia.

Luiz da Gama Mór, da Tap, entre Bernardo Monteiro de Paula, presidente da Manaus Cult, Arthur Virgílio, prefeito de Manaus, Oreni Braga, presidente da Amazonastur e Antonio Claudino, secretário de Planejamento

Copa Airlines faz campanha para reposicionar marca no Brasil A Copa Airlines deu início à sua nova campanha de publicidade no Brasil. O projeto tem o objetivo de reforçar o posicionamento da marca em sete capitais, com o intuito de comunicar a conectividade e os serviços da companhia. Atualmente, a empresa opera em 66 destinos em 29 países e possui um índice de pontualidade superior a 90%. “A campanha terá duração de cinco meses, com presença relevante em todo o território nacional, por meio dos canais a cabo, revistas, jornais, emissoras de rádio e mídia online”, afirma o gerente de Marketing da Copa Airlines para a América do Sul, Emerson Sanglard. A ação também contempla a instalação de painéis em aeroportos, criação de um hot site exclu-

Emerson Sanglard, gerente e Marketing da Copa Airlines para a América do Sul

sivo para a campanha, vídeos e anúncios que estarão disponíveis ao público até o fim de novembro. “Nosso objetivo principal é fortalecer a marca e posicioná-la de forma adequada ao nosso público e mercado, ressaltando a conectividade e a presença massiva da companhia no continente”, complementa Sanglard.

Azul terá voos a partir de Guarulhos para Ilhéus e Maceió Para atender a alta demanda esperada durante a temporada de verão, a Azul está intensificando suas operações nas principais cidades brasileiras, sobretudo com destino aos locais mais procurados pelos turistas. Entre os dias 10 de dezembro de 2013 e 03 de fevereiro de 2014, o aeroporto de Guarulhos contará com um novo destino: Ilhéus. “Durante o verão, o volume de clientes que procuram os destinos nordestinos aumenta significativamente, o que faz com que

a companhia adicione em sua malha novas operações para a região. Além de Ilhéus, a Azul também terá voos a Maceió com saídas de Guarulhos. Outras cidades como Natal e Fortaleza deverão ter voos da companhia partindo do aeroporto paulista, ainda sujeitos à aprovação pela Anac” diz Marcelo Bento, diretor de Planejamento da Azul. As passagens já estão a venda com tarifas a partir de R$ 245,90 para o trecho Guarulhos e Maceió e R$ 247,90 para o trecho entre Guarulhos e Ilhéus.


O PERADORAS

VEJA MAIS NOTÍCIAS Bourbon divulga primeiro hotel da marca BE

Jatiúca amplia apartamentos e inaugura Centro de Convenções O hotel Jatiúca passa por reforma em seus 175 apartamentos e ainda terá a construção de uma nova ala, que somará mais 56 unidades habitacionais ao empreendimento. Tendo o interior de São Paulo como segundo maior região emissora de viajantes, o resort ainda terá inclusa nova área de lazer e divulga para estes profissionais seu novo centro de convenções, inaugurado na sexta-feira (4), com estrutura formada por nove salas.

Trend apresenta suas vantagens disponíveis para agentes no interior Vantagens para os agentes. Este foi o foco da Trend Operadora em sua participação na 3ª Oficina de Turismo, realizada pela Avirrp e Ribeirão Preto, interior de São Paulo, com profissionais da região. “Os benefícios estão sendo mostrados para os agentes, como a comissão acima do mercado para a Central do Carro”, apontou Gilberto Monteiro, instrutor de Treinamento da operadora. E este produto seguiu em pauta com o anúncio das parcerias que a operadora possui com locadoras brasileiras.

Plano Global da GTA oferece 2 por 1 para viajantes A GTA apresentou o recente Plano Global durante as formações. Nele, viajantes têm duas opções de benefícios: ou o viajante leva dois produtos da empresa ou dois viajantes estão contemplados com um dos seguros disponíveis. “Este benefício é válido até 30 de novembro”, ressaltou Agenor Bertoni, representante da GTA. O plano Global tem assistência de US$ 100 mil.

Nascimento divulga bloqueios com a Gol para Orlando Durante a 3ª Oficina de Turismo, a Nascimento apresentou os 14 bloqueios confirmados com a companhia aérea Gol entre o final deste ano e janeiro de 2014 com destino a Orlando, nos EUA. Serão quatro saídas para o réveillon e dez durante a primeira quinzena de janeiro próximo. Como informou durante a formação o gerente da filial de Sorocaba da operadora, Wagner Silva, o destino Estados Unidos representa 26% das vendas da Nascimento.

Arthur Stabile

Focados em conhecer novidades do mercado, 290 agentes de viagens participaram de formações promovidas pela Avirrp em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. Durante a 3ª Oficina de Turismo, profissionais tiveram contato com produtos de 70 expositores, entre operadoras, companhias aéreas e hotelaria. “É importante trazer informações, novidades e especialização para os agentes”, explicou Emerson da Silveira, presidente da Avirrp. O formato escolhido pela associação foi de 25 minutos de apresentações simultâneas em 20 salas. Segundo o presidente, este tipo de ação “aproxima o expositor do agente”. Capacitações aconteceram ao longo dos dias 4 e 5 de outubro. A lista de expositores da Oficina

contou com CVC, Trend Operadora, Meliá Hotels International, Interep, GTA, Flytour Viagens, Nascimento Turismo, DSE Viagens, Pullmantur, Schultz, South African Airways e por 28 resorts membros da Resorts Brasil. 4ª Oficina – Pela primeira vez, a Oficina de Turismo será itinerante. A 4ª edição dos treinamentos está confirmada para fevereiro de 2014. “Ainda não temos local definido, mas a proposta foi bem recebida”, adiantou ao M&E Normando Pierini, consultor de Turismo da associação. Além da sede, a Oficina terá novo formado a partir da próxima edição. As formações seguem na manhã de sexta-feira e sábado, porém o início será durante a quinta-feira – com uma palestra – e término no domingo. “Com isso esperamos mais expositores e agentes”, disse Silveira.

Ação da entidade apresentou produtos de 70 expositores; próxima Oficina, em fevereiro, será itinerante

Assim como o local, a data da 4ª Oficina de Turismo não está definida. A única certeza do evento até então é a despedida de Emerson da presidência da entidade logo após

sua realização. Ele garantiu novidades para a próxima Oficina. Feira A virrp 2014 – A Feira Avirrp Avirrp 2014 será realizada nos dias 15 e 16 de agosto.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

O primeiro hotel da nova marca criada pela Bourbon, a BE (Bourbon Exclusive) foi apresentado ao trade presente no evento. A nova marca tem como hotel inaugural empreendimento marcado pela presença do cineasta Francis Coppola durante as gravações do filme Tetro. “São sete apartamentos em Palermo Soho, um dos bairros mais vibrantes da capital argentina”, afirmou Fernando Lopes, gerente de contas da rede.

3ª Oficina Avirrp reúne 290 agentes e 4ª edição será itinerante

17


O PERADORAS

Operadora confirma data do evento em 2014: 19 e 20 de março Luiz Marcos Fernandes

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Equipe da Bahiatursa ao centro e equipe da Nascimento Turismo

18

Bahiatursa e Nascimento treinam agentes e vendas crescem 160% Anderson Masetto e Samantha Chuva

Entre janeiro e setembro deste ano a venda de pacotes para a Bahia pela Nascimento Turismo tiveram um crescimento de 160% em relação ao mesmo período do ano passado. Este é o resultado de um conjunto de ações feitas em parceria entre a operadora e o destino. Na primeira etapa foram treinados 350 profissionais e o objetivo é que nesta segunda fase sejam capacitados mais 500 agentes de viagens. Na primeira fase um road show passou pelas cidades de Santo André, Campinas, Bauru e Ribeirão Preto. Denominada de Air Show, a segunda fase visitou São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília. Além disso, durante todo o mês de outubro, toda a equipe de vendas da operadora recebe treinamentos sobre os diversos destinos do estado. “A Bahia é o nosso destino número um no nacional”, disse Cleiton Feijó, diretor Comercial da Nascimento Tu-

Fernando Ferrero, da Bahiatursa, entre Cleiton Feijó e Plínio Nascimento, da Nascimento Turismo

rismo. “Dos cinco hotéis mais vendidos dentro da operadora, três são da Bahia”, complementou o executivo, que reiterou que este é um investimento que tem dado retorno. Ele lembrou que com apenas um evento em 2012 as vendas tiveram um incremento de 35%. De acordo com Feijó, São Paulo está em primeiro lugar entre os principais emissores para o destino, seguido de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Distrito Federal. A terceira etapa envolve a região Sul e terá início no dia 4 de novembro em

Curitiba. Depois, o evento passará por Florianópolis e Porto Alegre. O encerramento acontecerá no dia 7 com a festa de abertura do Festival de Turismo de Gramado. “Já temos planos de continuar com a parceria no ano que vem”, revelou o diretor de relações nacionais da Bahiatursa, Fernando Ferrero. Para 2014, a operadora já firmou uma nova parceria com a Bahia. “Vamos focar a divulgação em Minas Gerais e algumas cidades do interior de São Paulo, sempre pensando na capacitação dos agentes de viagem”.

Qualitours reestrutura equipe; veja quem chega Anderson Masetto

A Qualitours está passando por uma reestruturação. De acordo com Ilya Hirsch – que agora passa ser o CEO da empresa – a operadora entra em uma nova etapa, com uma equipe renovada sob o comando de sua filha Danielle Hirsch, com a coordenação operacional e de marketing. Além disso, toda a parte de reservas e atendimento ficará concentrada na matriz, em São Paulo. “Trouxemos pessoas com experiência e renovada”, definiu Ilya. De acordo com o executivo, foi montada uma equipe de vendas, uma central de atendimento, além de pessoal de operações e especialistas em produtos. Entre as novas aquisições da Qualitours está Paulus dos Anjos, para o cargo de gerente comercial. A área de marketing passa agora a contar com Vinicius Taddone como coordenador. O departamento conta ainda com Fernanda Coelho. Outra aquisição é Adriana Faro para o cargo de gerente de operações, com 17

Ilya Hirsch, CEO da Qualitours

anos de atuação no mercado, a profissional estava na Queenberry. Incentivo - Hirsch revelou ainda que no próximo mês a operadora irá lançar uma campanha de incentivo para os agentes de viagens. De acordo com ele, a ação irá durar até o final do ano e para cada cabine vendida o profissional ou a agência receberá um gift card com um valor além da comissão.

Contatos • Paulus dos Anjos gerente comercial (paulus@qualitours.com.br) • Vinicius TTaddone addone coordenador de marketing (vinicius@qualitours. com.br) • Adriana Faro gerente de operações (adriana.faro@qualitours.com.br)

• Lizberth Rada executiva de vendas Interior de São Paulo e Centro Oeste (lizberth.rada@qualitours.com.br) • João Fernando Gonçalves executivo de vendas São Paulo e Nordeste (jgoncalves@qualitours. com.br)

• Fernanda Coelho marketing (fernanda@qualitours.com.br)

• Brunna Rosa reservas (brunna@qualitours.com.br)

• Luciana Bazani especialista de produto (luciana.bazani@qualitours.com.br)

• Ariane Muniz reservas (ariane@qualitours.com.br)

O Workshop & Trade Show CVC, que tradicionalmente abre o calendário nacional do setor todo ano, inicia os preparativos para a sua 20ª edição, que será realizada nos dias 19 e 20 de março de 2014, no Pavilhão Branco do Expo Center Norte, em São Paulo (SP). Em 2014, o evento será realizado em março e não em fevereiro, como tradicionalmente acontece. Esta edição será a comemoração de um grande marco, quando serão completados 20 anos de realização do evento. Para comemorar o fato e reiterar o papel da operadora na cadeia do turismo como agente do desenvolvimento do setor, o 20º Workshop & Trade Show CVC 2014 será norteado pelo tema “Construindo juntos o futuro”. A proposta é reforçar que a CVC continua ao lado dos agentes de viagem, trabalhando em parceria com seus fornecedores de produtos e serviços turísticos para um futuro de sucesso para todos, e adaptando-se com agilidade às novas dinâmicas do mercado, às novas demandas de produtos que surgem a cada dia e ao perfil dos atuais e novos brasileiros que têm incorporado as viagens ao seu estilo de vida. Em 20 mil metros quadrados, expositores nacionais e internacionais, entre redes hoteleiras, resorts e pousadas, companhias aéreas, empresas de turismo receptivo, locadoras de automóveis, parques te-

máticos, órgãos de turismo e outros fornecedores apresentarão, ao lado da CVC, as principais novidades e tendências para as Temporadas 2014 e 2015. Expositores nacionais e internacionais já podem adquirir estandes na feira, disponíveis em diferentes formatos e, também, em opção customizada. Os interessados devem contatar a agência Publicis Red Lion, responsável pela comercialização dos espaços e organização do evento, com Rosa Soares ou Veronica Santos, nos telefones (11) 2107-0750 e (11) 2107-0772 ou e-mails rosa.soares@publicisredlion.com.bre veronica.santos@publicisredlion. com.br. Na edição deste ano, o Workshop & Trade Show CVC recebeu cerca de 10 mil agentes de viagens e 508 expositores, que divulgaram novidades de cerca de 600 marcas do turismo nacional e internacional.

Filiais de SP e POA aumentarão faturamento da BWT e Serra Verde em 30% Arthur Stabile

Dentro do plano de expansão da BWT Operadora, as filiais de São Paulo e Porto Alegre representarão um aumento de até 30% no faturamento em conjunto com a Serra Verde Express. “Não dá para mensurarmos nesse momento, mas terá bom retorno pelo produto agregado”, assegurou ao M&E Adonai Arruda Filho, diretor comercial da empresa. Em 2014, nova loja no Rio de Janeiro deve dar continuidade ao crescimento. A chegada nos mercados de São Paulo, Porto Alegre e Joinville pretende potencializar a distribuição da BWT nacional e internacionalmente – antes, Curitiba, Campo Grande e Vitória eram locais com suas filiais. Segundo Arruda, a grande demanda existente nestas

cidades justifica a inclusão das lojas e garantiu que o faturamento terá aumento duas ou três vezes maior quando comparado com o crescimento de viajantes. Além do faturamento, a quantidade de visitantes captados pela BWT e pela Serra Verde será ampliada. “Nestas cidades o fluxo irá crescer 30%, o que representa um acréscimo de 10% no total de visitas”, explicou o diretor. Com outras filiais, o atendimento aos viajantes deve ser melhorado, mesmo já sendo bom, segundo disse o diretor. Rio de Janeiro – Para o próximo ano, existem estudos de outros locais para prosseguir com a expansão. O Rio de Janeiro é um dos alvos, principalmente pelo projeto do Trem Guaratiba e foi apontado por Arruda como o “mais provável” a receber uma nova filial.


O PERADORAS

“Abav quer agentes profissionalizados”, diz Karacostas Luis Soto

Flytour contrata Luis Soto de olho na expansão do Grupo Luciano Palumbo

MGM Operadora e Avianca/Taca lançam promoção para agentes A MGM Operadora, em parceria com a Avianca/Taca, está realizando promoções especiais para os agentes de viagem. São duas ações que vão premiar, com dois pacotes de viagem personalizados, os profissionais que venderem 30 passagens aéreas da companhia para os destinos selecionados, até o dia 30 de novembro. Há opções para Miami, Cancun, Punta Cana ou San Juan. Para mais informações, acesse o site www.mgmoperadora.com.br.

Visual reforça parceria com hotelaria de Porto Seguro A parceria da Visual Turismo com a hotelaria de Porto Seguro (BA) foi reafirmada no último dia 30 de setembro, em evento que contou com a presença de 38 hoteleiros locais e do secretário de Turismo do município, Luís Otavio Borges. Durante a alta temporada, a Visual terá doze fretamentos para a Bahia, divididos em dois por semana, entre o aeroporto de Confins, em Minas Gerais, e o destino. “Os voos extras foram elaborados especialmente para atender à demanda do mercado mineiro em conhecer o Nordeste e um dos destinos mais procurados é Porto Seguro, favorecido pela sua proximidade e preços atraentes”, afirmou Afonso Louro, diretor da operadora.

O novo presidente da Abav São Paulo, Constantino Karacostas, disse, em visita à sede do M&E, que a regulamentação da profissão de agente de viagem será a primeira bandeira a ser levantada pela entidade e parceria, desta vez, com a Abav Nacional. “A hora de regulamentar é agora. Temos grandes eventos chegando ao país, o crescimento do país como destino de grandes empresas e o agente de viagens é peça fundamental neste contexto”, disse. Segundo ele, a mentalidade do Turismo precisa mudar. “A conscientização dos donos das agências sobre a importância dos treinamentos é importante. Eles exageram em acreditar

Costantino Karacosta, presidente da Abav-SP

que estão perdendo tempo qualificando seus profissionais”, comentou. Karacostas disse ainda que com a existência da profissão – regulamentada - será possível mostrar ao governo que outros 53 segmentos se beneficiam com as divisas trazidas por turistas ao país. “Todos os segmentos ganham, da aérea ao taxista”, afirmou. Segundo ele, a entidade faz o seu papel de entender o mercado e sanar as deficiências com a capacitação e treinamento dos agentes. “Nosso próximo passo é engajar a entidade na promoção da cidade para a captura da Expo 2020”, comentou.

Luciano Palumbo

Ampliar a capacidade do Clube de Viagens que beneficia os usuários com reserva de hotéis, seguros e, ainda, ultrapassar a marca de 20 mil usuários. Segundo o diretor da Bancorbrás, Henrique César Souza, essa é a meta para o mercado paraibano. “Temos já uma filial que funciona no Estado, mas vamos ampliar com a contratação de novos profissionais”, disse. Souza disse ao M&E que a demanda do mercado de João Pessoa e região é muito grande e apenas um pessoa não é capaz de re-

Henrique Souza entre Fausto Antônio e Ana Raquel

alizar todos os atendimentos “Temos a Fernanda Arruda, responsável pela filia, mas vamos contratar novos executivos de vendas”, afirmou. Hoje a Bancorbrás, somente em João Pessoa, possui aproximadamente 18 mil usuários. “Está atrás de cidades como Brasília e Minas Gerais que a população é duas vezes maior”, finalizou. Os interessados devem enviar email para fernanda.arruda@ bancorbras.com.br.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

O Grupo Flytour, comandado por Elói D’Avila de Oliveira, anunciou a contratação de Luis Soto como diretor de Expansão para América Latina. Soto, que responderá diretamente a Elói, entra para diversificar a atuação das empresas fora do país com foco nos mercados da Argentina, Chile e Uruguai. Segundo o diretor executivo da Flytour Franchising, Fábio Oliveira, a contratação de Soto corresponde ao plano de expansão do grupo que busca novos mercados e segmentos de atuação. “Ele trabalhará com a Cristina Kyota, que agora assumiu o comando das lojas da Flytour Businnes Travel. Mas a missão dele é dupla”, disse ao M&E. Soto parte com o desafio de expandir para os mercados do Cone Sul as lojas da Flytour Business Travel e, além disso, trazer turistas para o Brasil. “Queremos além da expansão o incoming no país”, afirmou. Para o novo diretor da Flytour, o desafio é grande. “Fiquei 15 meses fora do mercado e muita coisa mudou. Tenho que trabalhar muito. Mas estou feliz com este novo tempo”, comentou. Soto teve passagens pela Soletur onde ficou por 15 anos e pela CVC, antiga empregadora, onde viveu outros 14. “Vamos utilizar a estrutura e a solidez do nome Flytour e ampliar a marca pela América Latina”, finalizou. Luis Soto adende pelo e-mail luis.soto@flytour.com.br e tel. 11 4502-2500.

Luciano Palumbo

Bancorbrás quer ampliar filial em João Pessoa

19


20 Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena


Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena

21


Roberta La Follet

D ESTINO

Três em um

Tampa, St. Petersburg e Clearwater formam roteiro imperdível Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Natália Strucchi

22

Cada vez mais queridinhas, as cidades de Orlando e Miami aparecem sempre entre os principais destinos de férias dos brasileiros. O que poucos sabem, no entanto, é que o Estado da Flórida esconde muitas outras surpresas. A duas horas de distância da “Terra do Mickey” está Tampa e, seguindo mais adiante, St. Petersburg e Clearwater. Em 2012, Tampa recebeu aproximadamente 14,8 milhões de visi-

Tampa Impossível falar a palavra Tampa e não ter em mente o parque Busch Gardens, do grupo SeaWorld. Sim, esta é a atração local mais difundida. O problema é que grande parte do público deixa de conhecer todo o restante de Tampa e se limita a apenas um dia no parque. O ideal, eu diria, é separar ao menos três dias para desbravar os principais pontos da cidade. Vale então começar pelo Busch Gardens e estender a viagem. No parque, o destaque fica por conta das montanhas-russas, um prato cheio pra quem curte adrenalina. Tenho a minha preferida. Sem dúvida, a Cheetah Hunt, criada com base nos movimentos do animal terrestre mais veloz do planeta: o guepardo (cheetah, em inglês). Com três disparos em alta velocidade, a montanha-russa mais longa do parque, com 1.350 metros de extensão, é realmente muito leve. A Kumba, Montu e Sheikra completam a lista de brinquedos imperdíveis. Para quem gosta de atividades menos radicais, vale fazer um safári, no qual o visitante tem a oportunidade de ficar bem pertinho das girafas, por exemplo, e alimentá-las. Aproveite o período da tarde para fazer compras, principal passatempo dos brasileiros em suas viagens ao exterior (o último balanço do Banco Central mostra que os gastos dos brasileiros no exterior registraram uma alta, mesmo com a oscilação do dólar. Em agosto os brasileiros gastaram US$ 2,2 bilhões em compras e outras despesas, superando a marca de US$ 1,9 bilhão no mesmo período do ano passado). O International Plaza reúne lojas de diversas marcas e preços que oscilam entre baixos e altos. Não espere algo como os outlets, de Orlando, mas tenha certeza que é possível fazer boas compras no complexo. São mais de 200 lojas com marcas como Victoria Secrets, Gap, Michael Kors, Forever 21, entre tantas . Ele funciona de 10h até às 21h. Fundado por Don Vicente Martinez-Ybor como um centro de fabricação de charutos, Ybor City é um dos três únicos distritos turísticos de referência histórica nacional na Flórida. Edifícios de tijolos vermelhos, varandas de ferro forjado e ruas estreitas de tijolo dão um charme do Velho Mundo ao local. Veja um “charuto ser enrolado à mão” ou apenas relaxe e “observe as pessoas passando” com um copo do famoso café con leche de Ybor.

tantes. Entre os mercados emissores internacionais, o Brasil ocupa a primeira colocação na América Latina e a quarta posição no ranking geral, sendo responsável por 8% dos turistas. Na sua frente aparecem Canadá, com 26,3%; Inglaterra, com 19,4%; e Alemanha, com 11,5%. Esse ranking, no entanto, pode tomar outro rumo com o novo voo da Copa Airlines que começa em 16 de dezembro deste ano. A nova operação vai ligar o seu hub na Cidade do Panamá e Tampa, e pro-

mete conectar muitos passageiros da América Latina. O serviço será operado com aviões Boeing 737700 Next Generation, com capacidade para 124 passageiros. O voo sairá do Panamá as segundas, quartas, sextas e domingos às 18:34, chegando a Tampa 21:53. No trajeto inverso, parte as segundas, terças, quintas e sábados às 7:02, chegando no Panamá 10:11. Com o inicio da nova rota, a Copa chega ao total de nove cidades norte-americanas atendidas.

Vista de Tampa


Praia de Cleawtaer foi eleita a melhor da Flórida

Museu Dali, em St Petersburg

É possível ver peças de vidro sendo feitas ao vivo

Em janeiro deste ano, a praia de Clearwater foi eleita a melhor do Estado da Flórida em pesquisa feita pelo jornal USA Today. Essa não foi a primeira vitória do destino. O TripAdvisor nomeou o local como melhor destino de praia em todos os Estados Unidos em 2012. Ou seja, motivos não faltam para você amar este lugar. Entre os passeios imperdíveis, uma caminhada pela Dodecanese Blvd. Ali você vai encontrar uma enorme quantidade de esponjas, lojas dedicadas inteiras a elas. As esponjas são retiradas do mar por pessoas que podem ser encontradas nas redondezas, assim como os barcos que até hoje realizam esse trabalho. Também no local você vai perceber fortes traços da cultura grega. Aproveite para degustar o delicioso menu do restaurante Mykonos. Vale ainda visitar o lar do golfinho Winter. O animal, que foi tema de um filme com atores consagrados de Hollywood, como Morgan Freeman, atrai milhares de visitantes ao Aquário Marinho de Clearwater. Winter foi encontrada na costa da Flórida, em dezembro de 2005, capturada em uma armadilha de caranguejo, que resultou na perda de sua cauda. Ela foi encontrada e levada para o aquário, sendo equipada com um silicone e cauda de plástico, que lhe permitem nadar normalmente.

St Petersburg St Petersburg é um lugar que reúne em curtas distâncias locais para compras, praias e muitos museus. O mais visitado de toda região é dedicado às obras do pintor espanhol Salvador Dali. Esta é a maior exposição de trabalhos dele fora da Espanha. Compilado por A. Reynolds Morse e Eleanor Morse ao longo de um período de 45 anos, o Museu Dali é célebre pela suas pinturas a óleo, incluindo obras enormes que ocupam paredes inteiras. A coleção realmente oferece uma excelente panorâmica sobre os grandes temas e símbolos de Dali. Ainda não muito distinta o visitante encontra a galeria Chihuly, com obras feitas de virdro. São muitas cores e formas diferentes. É possível conhecer todo o espaço em meia-hora. Esculturas gigantescas, como lustres, impressionam de verdade. Se esse tipo de arte te conquistar, aproveite e vá ao Glass Studio & Hot Shop. Lá, os turistas podem assistir a uma apresentação onde uma peça é feita ao vivo. Em 20 minutos, um jarro de vidro ganha vida na sua frente. Para quem curte esportes, St Petersburg também oferece boas opções. Entre o final de março e início de abril a cidade se transforma numa “pequena Mônaco”, segundo definem os moradores. Isso porque sedia, durante quatro dias, o Honda Grand Prix, disputa da Formula Indy que tem entre os pilotos os brasileiros Helio Castroneves e Tony Canaan. São 14 voltas num percurso de 1,8 quilômetros, que apresenta vários encontros íntimos para os fãs. St Petersburg ainda é lugar certo de muitos jogos de beisebol da liga americana. No Tropicana Field, casa da equipe de beisebol Tampa Bay Rays, há playgrounds, jogos eletrônicos gratuitos e até mesmo um grande aquário repleto de arraias (símbolo do time) bem no meio da arquibancada. Crianças e adultos podem tocar os bichos.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Visit St. Petersburg Clearwater

Bayshore Boulevard

Visit St. Petersburg Clearwater

Roberta La Follette

Visit St. Petersburg Clearwater

Golfinho Winter, em Clearwater

Clearwater

23


10 ANOS M&E - 2009

Outubro de 2013 - 1ª quinzena

Rio ganhava disputa para sediar as Olimpíadas de 2016

24

Em 2009, depois de três tentativas fracassadas, o Brasil finalmente ganhou a disputa pela sede dos Jogos Olímpicos de 2016. A eleição do COI para escolher a sede das Olimpíadas de 2016 terminou apenas no terceiro turno, mas o Rio de Janeiro quase venceu já na segunda etapa. O anúncio, feito pelo presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), o belga Jacques Rogge, provocou uma reação histérica na delegação brasileira. O presidente Lula foi envolvido por abraços de políticos, atletas e dirigentes esportivos. A maioria deles aos prantos. Com a vitória, o Rio se torna a primeira cidade sul-americana a ser sede de uma Olimpíada. Além disso, faz o Brasil repetir os feitos de México, Alemanha e Estados Unidos, que organizaram, com diferença de dois anos, os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo. O projeto final foi estimado, na ocasião, em R$ 25,9 bilhões, cifra sem precedentes na história do esporte nacional. Veja esta e as outras notícias que impactaram o turismo do país no ano de 2009 na nossa retrospectiva do tempo.

Prêmio Personalidade do Turismo 2009 contabilizou 4.927 votos Nesta edição foram contabilizados 4.927 votos, todos enviados por correio. Vale lembrar que houve empate no número de votos dos dois últimos colocados e a comissão de apuração decidiu incluir os dois nomes. Assim, foram eleitas neste ano 11 Personalidades do Turismo, além de três instituições. Confira a relação dos premiados por ordem alfabética:

Os vencedores:  Bismarck Maia, presidente da CTI-Nordeste e secretário de Estado de Turismo do Ceará  Carlos Alberto Amorim Ferreira, presidente da Abav Nacional  David Neeleman, CEO da Azul Linhas Aéreas  Érica Drumond, secretária de Estado de Turismo de Minas Gerais  Jeanine Pires, presidente da embratur  Klaus Kühnast, diretor Comercial da Tam  Luiz Barretto, ministro do Turismo  Ricardo Amaral, presidente da Abremar e diretor da Royal Caribbean no Brasil  Toni Sando, diretor Superintendente do SPC&VB  Valdir Walendowsky, presidente da Santur  Virgínio Loureiro, secretário de Estado de Turismo de Alagoas

Instituições Premiadas:  Confederação Brasileira de Convention & Visitors Bureaux  CVC Operadora  São Paulo Turismo

Depoimentos: Miguel Andrade, diretor da Transmundi “Sou muito suspeito para falar no quesito da importância dos 10 anos do trabalho do M&E, porque gosto muito do Roy Taylor e da Rosa Masgrau. Mas acho magnífico o trabalho do jornal. O contato direto que o Mercado & Eventos tem com os operadores é um dos maiores diferenciais. O jornal está sempre atento as nossas demandas e necessidades e sempre nos dão um retorno. Desde que conheço o jornal, acredito que foi o veículo que mais cresceu no trade. O papel do M&E é muito importante no turismo, por ser um veículo de altíssima qualidade, especializado no trade”. Aldo Siviero, presidente do Sindetur – RJ “Fico muito contente com a evolução do M&E, que acompanhou a evolução do turismo nesses últimos anos, dando espaço para todos os tipos de reportagens, sempre focando na qualidade das matérias. Outro diferencial é a forma da distribuição do jornal, que por ser gratuita, aproxima os agentes de viagem e operadores. Foi esse diferencial que contribuiu para o sucesso do Mercado & Eventos”. Adrian Ursilli, diretor comercial da MSC “A história do Mercado e Eventos está extremamente ligada com a da própria MSC Cruzeiros no Brasil, e por isso, temos grande satisfação de acompanhar e fazer parte dessa data comemorativa tão importante. O M&E é um dos principais veículos do segmento de turismo e contribui efetivamente com o seu desenvolvimento. São 10 anos de muito trabalho, informação, contribuição e construção por um Brasil melhor. Parabéns a toda família do Mercado & Eventos”. Marco Ferraz, presidente da Braztoa “Nossos sinceros parabéns a todos que fazem do Mercado & Eventos, um importante veículo de comunicação entre os profissionais do turismo. Em tempos de giro muito grande de informações, ter um canal que traduza da melhor maneira os principais acontecimentos do setor, é de suma importância para o sucesso dos negócios. Na cadeia turística é assim: o trabalho em conjunto é o ponto alto. A união de operadoras, agentes, destinos fornecedores e imprensa traz e trará ainda mais resultados positivos para o cenário nacional”. Luiz Moura, diretor do IPW / U.S. Travel Association na América Latina “Muita competência e profissionalismo marcam esses 10 anos de história, com coberturas dos principais eventos do turismo mundial. Obviamente, não poderia deixar de falar na excelente cobertura do IPW, o principal da indústria do turismo americano! Parabéns a toda a equipe do Mercado e Eventos”.

Luiz Otávio Neves, secretário de Turismo do DF “Em seus 10 anos de trajetória, o Jornal Mercado & Eventos colaborou para dar visibilidade ao Turismo e promover as ações que fizeram grandes mudanças no setor, como a criação de um ministério próprio. Esteve presente nas feiras nacionais e internacionais, sempre mostrando os bastidores das negociações e as novidades anunciadas em eventos especiais. Além disso, acompanhou o Turismo de Brasília de forma coerente, seja divulgando as participações da Setur-DF nas feiras, acompanhando nossas notícias ou promovendo nossos atrativos. É um jornal de credibilidade, já reconhecido no mercado”. Enrico Fermi, presidente da ABIH Nacional “Os 10 anos do jornal Mercado & Eventos é considerado um marco para o jornalismo especializado, tendo em vista a forma profissional com o que trata os assuntos ligados ao setor turístico. Além disso, tem o objetivo de dar a oportunidade de diversos segmentos na divulgação de suas ações junto ao trade”.

2009 Azul iniciava operações e apresentava o avião da Embraer. O ex-ministro da Defesa, Nelson Jobim, defendia o modelo de privatização dos aeroportos. A Travel Ace lançava a marca My Assistance. O MERCADO & EVENTOS era media partner do WTTC, Imex e ATM. A Tam atingia o recorde de 112 mil passageiros em um único dia. Wagner Ferreira era empossado novo presidente da Webjet. Annie Morrissey ganhava a eleição e se transformava a nova presidente do SPCVB.

Fevereiro A BTL atraia mais de 70 mil pessoas de 50 países. São Paulo anunciava que em 2008 a receita do turismo havia gerado R$8 bilhões. O Workshop CVC reunia 12 mil pessoas e apresentava novidades ao mercado. O Feijão Amigo homenageava o ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. As viagens corporativas movimentavam R$33,01 bilhões em 2008, de acordo com o IEVC (Indicadores Econômicos das Viagens Corporativas).

Março O Sindetur-RJ empossava sua nova diretoria que visava capacitação. George Irmes era reeleito. A Luxtravel comemorava 20 anos. Afonso Hamm se tornava o novo presidente da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados. Othon incorporava hotel em Búzios e anunciava outro na Espanha. A Hertz inaugurava sua primeira loja em Santo André. Abertura de capital da Infraero teve início com edital do BNDES.

Abril Nilde Brun assumia a presidência do Fornatur. Santa Catarina lançava seu Plano de Marketing Turístico. RC&VB divulgam Rio para eventos e negócios em DVD. Unidas lançava novo portal de reservas. Azul anunciava que queria ultrapassar 3,7 milhões de passageiros até 2010. A Tam anunciava que a frequência São Paulo-Frankfurt era a mais lucrativa. O Ecoturismo era a nova aposta da Embratur para o público alemão.

Maio Marca Brasil comemorava quatro anos com 877 solicitações. De acordo com o Banco Central, as divisas com turismo chegavam a US$ 494 milhões até março de 2008. A Embratur lançava o “Brasil Now” em parceria público-privada inédita. O Ministério do Turismo também anunciava programa de financiamento com a Caixa Econômica Federal. Tap Cargo e Tam Cargo assinavam acordo comercial. O México anunciava sua nova Lei Geral do Turismo.

Junho O turista brasileiro passava a ter visto de dez anos para os Estados Unidos. O Brasil subia para a 7ª posição na ICCA. Rio de Janeiro apresentava a sua candidatura à Patrimônio da Humanidade. Ricardo Amaral assumia a presidência da Abremar. Lula e Luiz Barreto reinauguravam o Trem do Pantanal. A Revista FOLHA DO TURISMO chegava às bancas em uma nova versão. José Eduardo Barbosa era reeleito presidente da Braztoa por aclamação.


10 ANOS M&E

Julho O Brasil ganhava um novo mapa turístico com 276 regiões. A Colômbia fechava bloqueios com a CVC com o objetivo de embarcar 65 mil passageiros até o fim do ano. A Tam criava o Multiplus Fidelidade. O Conselho Nacional de Turismo aprovava a entrada da CNTur. O Festival de Paritins reunia mais de 50 mil turistas. A Royal Caribbean inaugurava oficialmente o escritório no Brasil. A Gol e American Airlines assinavam acordos de milhagem e code-share.

Outubro

O Ministério do Turismo anunciava investimentos de R$10 milhões para o Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. Israel realizava seu primeiro workshop em São Paulo e no Rio. Pernambuco apresentava sua nova marca e divulgava investimentos de R$25 milhões em promoção até 2010. O grupo Pestana comemorava 10 anos na América do Sul. A US Airways divulgava a rota Rio-Charlotte. A CVC recebia o WTM Global Award.

Dezembro MTur e CNT iniciavam elaboração de documento referencial do 3º Plano Nacional do Turismo. Carlos Alberto Amorim Ferreira, o Kaká, era reeleito presidente da Abav com o objetivo de dar continuidade aos projetos iniciados por ele. A Azul atingia dois milhões de passageiros em menos de um ano. Com novas atrações, o Seven Seas Voyager chegava ao Rio de Janeiro. Alexandre Sampaio era reeleito no SindRio.

Outubro de 2013 - 1ª quinzena

Travelport abria escritório em Bogotá, na Colômbia, e nomeava Ángela Ruiz como gerente. OceanAir e Avianca anunciavam ampliação de code-share. O Rio de Janeiro era escolhido como sede das Olimpíadas de 2016. A Comissão de Turismo Canadense retomava va os investimenntos no Brasil. O México lançavaa campanha em m São Paulo paraa atrair turistas.. David Barioni deixava a presidência da Tam e Líbano Barroso assumia.

Novembro

25

Agosto ViaLandauto e Hertz inauguravam unidade no Rio de Janeiro. Azul lançava a nova rota Rio-Porto Alegre e comemorava um milhão de passageiros. O Centro-Oeste Tur reunia 1,2 mil agentes em Brasília. A hotelaria de Salvador registrava 100% de ocupação com Stock Car. Novo produto turístico do Mato Grosso do Sul, o Trem do Pantanal recebia investimentos de R$44 milhões de parceria público-privada.

Setembro A Abbtur comemorava a aprovação da profissão de Turismólogo pelo Congresso. A Trend entrava no segmento de hotelaria de lazer e iniciava expansão internacional. Amadeus celebrava dez anos no Brasil e planejava novos serviços para agências e hotéis. A Adventure Sports Fair reunia 65 mil pessoas em São Paulo. A rede Tropical comemorava 50 anos e anunciava investimentos na revitalização de hotéis.


26 Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena


Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena

27


C RUZEIROS

Mario Trojman deixa Silversea para se dedicar à expansão da Blue Sea

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Luiz Marcos Fernandes

28

Todos a bordo.

Momento de praticar a alegria de viver É um navio de luxo a deslizar pelos mares, com todas as facilidades e os mais avançados recursos tecnológicos. Mas tem lá suas peculiaridades, como sabem os agentes de viagens, a começar pela informalidade, pela maneira solta e cordial como as pessoas se relacionam durante sua estadia num ambiente descontraído. Recomenda-se não se apresentar em trajes rebuscados, de se enfeitar de requintes e grifes. Se o hóspede quiser, que o faça – afinal, impera a liberdade -, embora o objetivo aqui seja o de relaxar e contemplar, curtindo os dias de sol e as noites de divertimento sem nenhuma preocupação. Estas devem ficar em terra. Os hóspedes, na verdade, vão se entregar à brisa do mar e praticar a alegria de viver em tempo integral. E todos os tripulantes estão ali preparados para fazer seus dias inesquecíveis. Ao facilitar o embarque num Cruzeiro Marítimo, devemos nos certificar de que todos estão prontos para esquecer os aborrecimentos do dia-a-dia, pois a rotina será a busca da felicidade. Deve ficar claro que tudo foi planejado de forma cirúrgica para que os hóspedes tenham seus espaços livres ou reservados, sem qualquer incômodo. A palavra de ordem é conforto. Há aconchegantes salas de leitura, outras para internet, as cabines são muito bem decoradas e equipadas com tecnologia de última geração. Todos passarão seus dias em grupos pequenos e é provável que frequentem os mesmos bares, restaurantes, piscinas, mas livres para circular por todas as áreas. Aí reside outro ponto importante - é grande a possibilidade de se adquirir novas amizades. Tudo favorece. Aliás, o hóspede precisa ser informado de que pode se aventurar em explorações pelo navio e descobrir joias raras a bordo. Por exemplo, a procura por bares ou restaurantes típicos de várias partes do mundo, cada qual com uma rica culinária. Nesse ponto pode se imaginar numa cidade desconhecida, a procurar seus tesouros em cada esquina. Que ninguém se preocupe com o idioma. As tripulações são compostas por pessoas de várias partes do mundo. Na temporada brasileira, 25% dos tripulantes dos Cruzeiros Marítimos são brasileiros. Portanto, deve ser afastado o temor de não ser compreendido. E lembrem-se sempre de que os navios não comportam tédio, eis uma dica importante. Há shows e programações variadas e curiosidades para os mais diversos públicos – sempre de ótima qualidade, bem no estilo Broadway. Uma esticada à free shop, por exemplo, costuma ser proveitosa. A temporada 2013/2014 vai começar agora em novembro. Todos os atores que encenam o grande espetáculo dos Cruzeiros Marítimos já trabalham intensamente para tornar estas viagens as mais agradáveis possíveis. Estamos no centro dos acontecimentos, a bordo de bons negócios. Então, pratiquemos o lucro e a alegria de viver. Ricardo Amaral Presidente da CLIA ABREMAR BRASIL

Royal Caribbean renova parceria com estacionamento em Santos Buscando oferecer as melhores soluções para seus hóspedes, a Royal Caribbean International acaba de renovar uma parceria com o estacionamento LPark, em Santos, para proporcionar ainda mais conforto aos que embarcarem no Splendour of the Seas. Além de um valor especial para a permanência do automóvel no estacionamento (R$ 40 a diária), os hóspedes também terão desembarque prioritário, podendo descer do navio logo no primeiro grupo após o atracamento do navio em Santos. Um transfer exclusivo será responsável pelo transporte dos hóspedes entre o terminal e o estabelecimento e a reserva pode ser feita rapidamente pelo site http://lpark.com.br/royal.

MSC Cruzeiros lança novo modelo tarifário Atenta aos diferentes estilos de hóspedes, a armadora ampliará oportunidades de experiências e serviços especiais, em seus cruzeiros internacionais a partir de abril de 2014. Com o novo modelo tarifário, será possível customizar ainda mais as viagens, com a proposta de novas categorias: Bella, Fantastica, Aurea e MSC Yacht Club que, gradualmente, agregam inúmeras facilidades, desde serviços de quarto 24h até embarque prioritário, SPA e outros mimos. A partir da temporada 2014/2015, também estará disponível na América do Sul.

Costa Neoriviera inicia operação com cruzeiros pelos Emirados Árabes A partir de 24 de novembro, a Costa Crociere inicia cruzeiros a bordo do navio Costa neoRiviera. Resultado da incorporação do Grand Mistral, da Ibero Cruzeiros, à frota da Costa, a embarcação realizará roteiros de sete noites pelos Emirados Árabes, saindo de Dubai. As viagens a bordo do Costa neoRiviera terão início aos domingos com escalas nas cidades de Muscat (Omã) e Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos). Em cada uma das paradas, o navio irá pernoitar. O Costa neoRiviera navegará pela região até 2 de fevereiro de 2014. Com 624 cabines, a embarcação renovou seus decks ao ar livre e as áreas internas sob a inspiração da atmosfera bucólica das rivieras francesa e italiana.

Até dezembro, Mario Trojman, diretor da Silversea, deixará o cargo da representação da companhia no Brasil. Em entrevista exclusiva ao M&E, o dirigente confirmou que a partir de fevereiro estará à frente do novo escritório da Blue Sea Cruises em São Paulo. “Decidi sair em função da necessidade de poder ter uma dedicação exclusiva a Blue Sea, que a partir do próximo ano inicia um grande projeto de expansão nacional, com abertura de escritórios em São Paulo e Brasília. Vamos continuar vendendo os cruzeiros da Silversea normalmente, com a diferença que não serei mais diretor no Brasil em 2014”, assegurou ele. Atualmente, a Blue Sea é responsável por 45% das

vendas da Silversea no país. A presidente da Blue Sea, Márcia Trojman confirmou os planos de expansão da empresa. “Decidimos ampliar nosso leque de atuação com o objetivo de alcançar a liderança de mercado e, para isso, vou assumir o escritório que será aberto em Brasília. No Rio quem vai ficar responsável é Giselle Manzini. A dedicação exclusiva do nosso diretor Mario Trojman é essencial neste processo, até pela sua experiência e relacionamentos junto ao mercado”, destacou ela. Márcia confirmou também várias ações promocionais que estarão em andamento até o final deste ano. “Estamos negociando com casas de vinho e delikatessens uma parceria para realização de eventos a fim de atrair novos clientes”, assegurou.

MSC Cruzeiros anuncia novo modelo tarifário para 2014 A MSC Cruzeiros anunciou um novo modelo de tarifa sob medida, no qual as categorias de tarifas não são adotadas somente pelo tipo de acomodação, mas também pelas diferentes experiências e serviços especiais a bordo, permitindo que o hóspede customize sua viagem e escolha o cruzeiro que melhor o completa, de acordo com as suas necessidades e preferências. Disponível para reserva de cruzeiros com saídas a partir de abril de 2014, o novo modelo poderá combinar ser-

viços e benefícios exclusivos, além da variada oferta de acomodações. A nova apresentação tarifária terá um menor número de categorias facilitando e simplificando a visualização e escolha por parte do hóspede. Será dividida por tipos de experiências que incluem benefícios exclusivos e passarão a ser denominadas Bella, Fantastica, Aurea e MSC Yatch Club. As tarifas sob medida não serão aplicadas para a venda da temporada América do Sul 2013/2014.

Giselle Manzini, Mario e Márcia Trojman

Outra iniciativa em andamento por parte da Blue Sea são os cruzeiros temáticos. “Fomos pioneiros no Brasil na oferta de cruzeiros para Europa com venda casada para aficionados da Fórmula-1 na comercialização de GPs como o de Mônaco. Agora estamos negociando também saídas exclusivas para outros segmentos como o de golfe, que será anunciado em breve”, destacou Márcia. Atualmente, a Blue Sea tem acordo comercial com a Silversea, Regent Seven Seas Cruises, Seadream, Seabourn, Disney Cruise Line, Oceania, Avalon, Uniworld, Paul Gauguin e Un Cruise.

Costa aumenta sua frota nos Emirados Árabes A Costa aumenta sua oferta de roteiros para a temporada 2013/ 2014 com a entrada do navio Costa neoRiviera à frota da companhia. A partir do dia 24/11, a embarcação fará cruzeiros de sete noites pelos Emirados Árabes. As paradas nos portos serão prolongadas, permitindo assim que o hóspede tenha mais tempo para explorar os destinos exóticos incluídos na rota da viagem. Os cruzeiros do Costa neoRiviera terão início aos domingos, de Dubai.


F EIRAS E E VENTOS

Performance comercial e conectividade são temas centrais do 14º Encontro Comercial Fohb Lisia Minelli

Renato Noel e Nivaldo Egeia, do Othon

Veja os temas discutidos durante o evento: Mundo conectado – Beia Carvalho, da 5 Years From Now, falou da relevância da tecnologia para o dia a dia das pessoas e da relação das gerações YZ com a tecnologia. Para ela, as redes influenciam a cultura, a economia e a política de um país. “Como então as redes influenciam o seu negócio”, questionou. Para ela, é importante ser relevante e se engajar nas mídias para não perder oportunidades. Ela citou como exemplos de compartilhamento o Facebook e o Groupon. Finalizando ela falou que para se manter ativo e relevante no mercado de hoje é importante se desapegar de velhos valores, aprender novas habilidades, engajar, colaborar, compartilhar e ter autonomia. Legado da Copa e Olimpíadas – Para falar sobre o legado dos grandes eventos que o Brasil receberá em 2014 e 2016 (Copa do Mundo e Olimpíadas), participaram de um debate Adriana Martins, da Berg Eventos e do Visit Berlin; Samuel Lloyd, do Visit Britain; Diogo Canteras, do Hotel Invest; e Gilson Novo, do Grupo Águia. Já Canteras e Novo falaram dos desafios que o Brasil precisará enfrentar para poder ter sucesso em realizar tanto a Copa quanto as Olimpíadas. A grande preocupação deles é em relação aos investimentos e ao legado que será deixado ao país. Repensar modelo de gestão comercial – Com intuito de provocar os participantes do 14º Encontro Comercial do Fohb, Caroline Sass e Trícia Neves, da Mapie, trouxeram uma apresentação diferente onde comparam as gerações X e Y nos seus ambientes de trabalho e a necessidade de se adaptar às novas tecnologias e inovações do setor para continuar relevante nos negócios. Elas citaram como exemplo a praticidade nas respostas imediatas e a revisão de processos com mais inteligência e tecnologia. Canais de distribuição – Na ocasião, foi discutido a importância do agente se manter atualizado e conectado às tecnologias para se manter relevante ao mercado do Turismo. Para Constantino Karacostas, da Class Tour, “a tecnologia evolui, mas nada substitui o valor do conhecimento agregado da consultoria de viagem”, declarou.

Tiharu Matsumoto Filho, da Accor, Jeferson Munhoz, do Bourbon, Egiane Foianesi, do Hoteis Othon e Daniel Guijarro, do Plaza Hotéis

Marcio Carini, do Hotéis Deville, Debora Nista e Alex Stegle, da Accor

Christiane Medeiros, do Transamérica Hospitality Group

Cristiane Roquetti, da Atlantica Hotels, Fernando Correia, do Plaza Hotés Resorts Spas, e Gisele Ruiz, do Pestana

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Flávia Matos e Emanuel Baudart, do Fohb

O Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil promoveu o 14º Encontro Comercial Fohb – evento exclusivo para colaboradores das áreas comerciais das 27 redes associadas da entidade. Com o tema “Alta performance comercial em um mundo conectado”, 250 pessoas participaram de debates e palestras. Para Emanuel Baudart, vice-presidente Comercial do Fohb, a revolução digital foi uma das inovações mais importantes surgidas no mundo nos últimos anos, que abalou os hábitos de consumo e transformou marcas e clientes. De acordo com ele, a tecnologia possibilitou que ideias revolucionárias pudessem ser clocadas em prática. “Com o Turismo não foi diferente. A web mudou as regras de vendas e distribui-

ção e com isso, veio a necessidade de adaptação do setor. O consumidor se tornou ator e precisamos nos adaptar as novas exigências deles”, disse. Segundo ele, as redes sociais são potentes propulsores, que influenciam o comportamento de todos. “50% das pessoas na América Latina estão conectadas, enquanto o Brasil é o quarto maior usuário do Facebook e segundo do Twitter. Quem despreza as redes sociais deixa de acompanhar as mudanças em curso”, declarou. A 14ª edição do evento vem com o intuito de discutir melhores performances comerciais em um mundo onde o online e o offline não mais se excluem, de avaliar suas implicações entre colaboradores e clientes, bem como de analisar o atual cenário e as tendências da hotelaria e da hospitalidade no Brasil.

29


F EIRAS E E VENTOS

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Representantes das empresas premiadas

30

Encontro Nacional de Agentes de Viagem

Palestras e novo nome marcam 10ª edição do evento Samantha Chuva

No último fim de semana de setembro aconteceu o 10º Encontro Nacional dos Agentes de Viagem – Ricardo Lopes, no hotel Vila Galé, em Angra dos Reis. Durante a abertura do encontro, o organizador do evento, Ricardo Lopes – que atua há 36 anos no setor – anunciou que as próximas edições passarão a se chamar TBN – Travel Business Networking. O organizador explica que a nova logo está atrelada a uma mudança na filosofia do evento, que visa a interação, face a face, entre o agente de viagens e o operador. Segundo o organizador, a ilha do Visit Orlando, com os principais parques da Disney, foi a primeira ilha do evento. O objetivo é que nos próximos anos outras ilhas de destinos voltados para os EUA sejam incorporadas. O encontro visa colocar fornecedores, operadores e agentes de viagem em contato para fomentar novos

negócios através de um agendamento virtual de entrevistas, que duram 15 minutos. Além de capacitar os agentes de viagem através de palestras (que foram realizadas pela AIT Operadora, Abreutur, Gratur Operadora, Deutsche Lufthansa, Touristcard Assistance, Nascimento Turismo e Gonorth), os patrocinadores do encontro – Hotel Vila Galé, Embratel e os parques de Orlando (Seaworld, Disneys, Universal e Visit Orlando) – também participaram com palestras e entrevistas. O encontro reuniu 80 expositores e 450 convidados. Para Ricardo Lopes, a maior conquista que o encontro realizou nesses dez anos foi trazer para os agentes de viagem um evento voltado para a capacitação e profissionalização. Para o ano que vem a intenção é crescer e alcançar mil agentes de viagem e 130 operadores, além da meta de bater o recorde de 15 mil agendamentos virtuais e acrescentar

Ricardo Lopes e convidados em abertura do TBN

um dia de evento. Ricardo ainda conta que deseja criar uma outra feira exclusiva para alguns operadores internacionais se relacionarem com operadores nacionais. “Esse tipo de evento nunca aconteceu aqui no Brasil e quero trazer essa inovação para cá”, diz Ricardo Lopes. De acordo com o organizador, esse novo evento possibilitaria a oportunidade

de fazer negócios entre aproximadamente 10 operadores internacionais e 50 a 70 operadores nacionais. Ao final dos três dias de evento, que além das palestras e entrevistas agendadas, também contou com um almoço de confraternização do Clube do Feijão Amigo e sorteio de prêmios e brindes, Ricardo Lopes homenageou 17 empresas que há 10 anos parti-

cipam do encontro. As empresas premiadas com uma placa do evento foram: AIT Operadora; Celebration Tours; Delta Airlines; Fundação Caldas Novas; MK Travel; New it; Perfurmeland; Pier 1 Cruise Experts; Pirates Town, Seaworld parks & entertainment, Travel Expert, Universal Studios; Viação Águia Branca; Sintedur – RJ; Abav-RJ; Videotourist e Nice Via Apia.

Veja o que cada empresa apresentou no evento

Miguel Andrade e Marcelo Andrade, daTransmundi

Mauricio Alexandre, do Sea World

Frances Pina, da American Airlines e Rosa Masgrau, do Mercado & Eventos

Renato Golçalves, representante da Universal no Brasil

Neto Fernandes, responsável pelo treinamento do Visit Orlando

Mortadela do Michelão sendo servida aos agentes de viagem

Patrick Yvars, da Disney

Michel Barkoczy, Ricardo Lopes, Roy Taylor e Nilo Sérgio Félix

Vitor Daniel, do Clube do Feijão Amigo; Michel Tuma Ness, da Fenactur; Ricardo Lopes, da Touristcard; Carlos Chehin, da See The World e Simão Teixeira, do Vila Galé

AIT - A AIT Operadora explicou como melhor utilizar a ferramenta de montagem de pacotes da operadora, durante sua palestra. A supervisora de vendas da AIT, Inês Fabres, ressaltou que o site permite reservas de passagens, hotéis, alugueis de carros e outros. Além de oferecer duas opções de pagamento e permitir que sejam feitas cotações e simulações. A supervisora ainda explicou que a AIT Operadora oferece dois tipos de comissão aos agentes de viagem. Aqueles que utilizarem a ferramenta e realizarem todo o procedimento sem ajuda dos atendentes da AIT recebem 15% de comissão, enquanto os pacotes que forem reservados através dos atendentes da operadora resultam em comissões de 12% para o agente. Touristcard - A Touristcard instruiu sobre as modificações realizadas no site da empresa. Na palestra, Ricardo Lopes, organizador do encontro e sócio da Touristcard, explicou que o portal passou por modificações para melhor atender aos clientes. Mas o grande destaque da Touristcard é o Iframe. Embora lançado há dois anos, poucos agentes tem conhecimento da ferramenta. “O Iframe é um facilitador, pois através dele, o cliente pode comprar o seguro sozinho, sem sair de casa, e o agente ainda recebe 30% de comissão. Basta incluir a ferramenta no site do agente de viagem. Essa é uma forma de aumentar as vendas, além de torná-las mais ágeis, sem que o agente de viagem tenha qualquer trabalho”, finalizou Ricardo. No Norr th America Destinations - Há 20 anos no mercado, a North America destinations aproveitou o 10º Encontro Nacional de Agentes de Viagem para trabalhar

diretamente com o agente. “Nosso foco são as operadoras, mas neste evento visamos educar o agente de viagem a escolher o melhor roteiro e destino para o cliente”, afirma Maria Hulsewe, presidente da North America destinations. American Airlines - A companhia aérea American Airlines, que contou com um estande na feira, deu destaque aos dois novos voos que começam a operar ainda este ano. De acordo com Frances Pina, gerente de Vendas e Marketing da American Airlines, o novo voo diário Miami Curitiba - Porto Alegre tem início no dia 21 de novembro e o voo, também diário, São Paulo - Los Angeles, com a aeronave 777, começa a operar no dia 12 de dezembro. “Com esses dois novos voos vamos somar 116 frequências semanais. Temos tido um crescimento gradual”, declarou Frances, que destacou a ocupação média para os próximos meses no Rio de Janeiro, acima de 80%. Transmundi – De acordo com o presidente da Transmundi, Miguel Andrade, o roteiro da Ásia sofreu algumas alterações. O trajeto será feito com o novo barco Celebrety Millenium, um navio com apenas cabines externas com varandas. Mas a novidade está na inclusão de um trecho feito em trem bala na China. O passeio, que dura 14 noites no cruzeiro e, com o trajeto por terra, totaliza 27 noites, passa por Hong Kong e pelo Vietnã. A operadora apresentou as mudanças no barco que faz o roteiro no Rio Reno. “Esse roteiro já existe há cinco anos, mas foi melhorado. O navio agora é cinco âncoras e as cabines ficaram melhores”, apontou Miguel. Nascimento T urismo - O diTurismo

retor comercial da Nascimento Turismo, Cleiton Feijó, palestrou com o objetivo de mostrar aos agentes como fazer a diferença no mercado competitivo. Cleiton deu dicas técnicas de vendas para atrair o consumidor, a partir de um tratamento diferenciado. O ponto alto da palestra foi um vídeo que faz um paralelo entre on/ off e afirma que para melhor aproveitar a vida é preciso estar ‘off’ da vida virtual. “Nosso papel, e o papel do agente de viagem, não é apenas vender um destino, fechar pacotes e reservas. Nós somos consultores de viagem, é nosso dever orientar os passageiros através de dicas e informações sobre o local que o turista deseja conhecer. Temos que prepará-lo para a viagem”, declarou Feijó. Visit Orlando - Para fechar o evento, o Visit Orlando realizou uma palestra a fim de explicar os principais produtos do destino e dar dicas para vender melhor o destino. Coube a Neto Fernandes, responsável pelo treinamento do Visit Orlando, explicar, de forma geral, o destino. Fernandes deu destaque aos aspectos de mobilidade e localização. Além de apresentar as diversas opções culturais, gastronômicas e de entretenimento que o local oferece. Neto também destacou que Orlando é a cidade dos Estados Unidos com a menor tarifa de hospedagem - “muitos hotéis cinco estrelas de Orlando são inclusive mais baratos que hotéis três estrelas no Brasil”, afirma Neto – e a menor taxa de impostos, com apenas 6,5%, tornando o destino ideal para turismo e compras. Maurício Alexandre, diretor de vendas e marketing do SeaWorld; Renato Gonçalves, representante da Universal; e Patrick Yvars, gerente de vendas da Disney, também apresentaram as novidades dos parques de Orlando.


F EIRAS E E VENTOS

Noite de gala marca inauguração do Linx Hotel Luiz Marcos Fernandes

Gwyn Davis, da Westfield, Maria Corinaldesi e Florence Pasquier, da Rail Europe, Erika Balbino, da Galerie Lafayette, e Francisco Guarisa, da Tap

Rail Europe tem crescimento de 5% no Brasil e apresenta novo produto Anderson Masetto

Entre os meses de janeiro e setembro deste ano as vendas da Rail Europe cresceram 5% no Brasil em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado é considerado satisfatório pela gerente regional da empresa na América do Sul, María Corinaldesi, que acredita o avanço nos últimos três meses de 2013 será ainda maior. A meta, segundo ela, é terminar o período com um acréscimo de 7% no país e 12% no mundo. “É um crescimento menor do que no ano passado, quando tivemos 8%, mas é um bom resultado”, disse María, lembrando que este tem sido um ano complicado para o setor com a alta do dólar e também para o produto, já que a França saiu do Europass. “Esperamos uma melhora nos próximos meses”, complementou. Em 2012 o Brasil foi o 5º mercado para a Rail Europe, posição que deve ser mantida neste ano. Novo produto – A partir de dezembro começa a funcionar o trecho rodoviário Barcelona-Paris, que será feito com um trem de alta velocidade, operado pelas estatais SNFC e Renfe, da França e Espanha, respectivamente. Ela também vai atender as cidades de Valência, Nimes, Montpellier, Narbonne e Perpignan, na França; além de Figueiras e Gerona na Espanha.

hotéis nos aeroportos de Porto Alegre, Fortaleza e Recife. O secretário de Turismo do Rio, Ronald Ázaro, destacou o espírito empreendedor de Guilherme Paulus. Já o ministro Gastão Vieira criticou o que chamou de excesso de pessimismo em relação à recuperação econômica do país. O dirigente também destacou a iniciativa de Guilherme Paulus nos investimentos do setor hoteleiro e confirmou que em abril deixa o cargo para concorrer ao posto de deputado federal. Prestigiaram o evento o presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, o presidente da Abav-RJ, Georme Irmes, o vice-presidente executivo do M&E, Roy Taylor e a diretora Internacional de Marketing do M&E, Rosa Masgrau, entre outros.

Autoridades fazem inauguração oficial do Linx Hotel

Antonio Carlos e equipe da CVC no Rio

George Irmes, Modesto Leal e Alexandre Sampaio

Guilherme Paulus e Roy Taylor

Luiz Eduardo Falco, Antonio Jorge, Valci Souza e Rosa Masgrau

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Um coquetel para cerca de 80 convidados marcou a inauguração oficial do Linx Hotels International Galeão. O evento contou com a presença do ministro do Turismo, Gastão Vieira, além do presidente da Infraero, Gustavo do Vale, e do secretário de Turismo do Rio de Janeiro, Ronald Ázaro, além de toda a diretoria da GJP, liderada pelo presidente Guilherme Paulus, e da diretoria CVC, liderada por seu presidente Luiz Eduardo Falco. O hotel é o primeiro empreendimento da marca do grupo no Rio de Janeiro e também o primeiro da operadora em aeroportos brasileiros. “O principal público do hotel são os passageiros nacionais e internacionais do aeroporto, além de ser, também, muito importante para as tripulações das companhias aéreas e para quem precisa estar na Ilha do Governador, que concentra uma significativa e importante parcela de indústrias, empresas, universidade e comércio”, lembrou Alberto Grau, diretor-geral da GJP. Antes de descerrar a placa comemorativa, o empresário Guilher-

me Paulus, presidente da GJP, destacou a iniciativa para este novo empreendimento, que recebeu investimentos de R$ 40 milhões. Segundo ele, até 2016, o grupo inaugura mais quatro hotéis: em Vitória, no Rio (Santos Dumont) e Juiz de Fora, totalizando mais R$ 300 milhões. “É a realização de um sonho e já estamos agora focados para o hotel do aeroporto Santos Dumont, que terá 300 apartamentos e será um quatro estrelas plus. Queremos fazer novas parcerias com a Infraero. Tenho um carinho especial pelo Rio e quero colaborar com o crescimento e desenvolvimento da cidade”, destacou. Já o presidente da Infraero, Gustavo do Vale, confirmou que no início de 2014 abre licitação para hotéis em outros aeroportos. “Teremos

31


F EIRAS E E VENTOS / T OP R ESA 2013

Feiras internacionais perdem espaço devido aos altos custos Devido aos altos custos de operacionalização de um estande em uma feira internacional, em 2013 a Embratur decidiu reduzir o seu espaço dentro da International French Travel Market Top Resa. No total foram 109,25 metros quadrados e 14 cooperados. Neste ano, por causa do tamanho reduzido do estande muitos cooperados interessados ficaram na lista de espera e não puderam participar da feira, que aconteceu de 24 a 27 de setembro, no Parque de Exposições Porte de Versailles, em Paris. Segundo Marco Lomanto, diretor de Produtos e Destinos da Embratur, cada vez os espaços e os investimentos precisam ser dimensionados. “A tendência é diminuirmos a participação do nosso estande e cooperados em algumas feiras e aumentar em outras. Hoje em dia tudo deve ser muito bem planejado devido aos altos custos dos eventos”, comentou. Para Lomanto, a solução

para esses custos é o investimento em ações e eventos próprios para divulgação do Brasil. Ele citou como exemplo o Goal to Brasil. Segundo ele, o mercado francês é importante para o Brasil, por isso, a Embratur reafirma sua continuação no evento. Em 2012, o país recebeu 219 mil turistas franceses – contra os 208 mil de 2011. Desse total, 69% deles se dizem satisfeitos com a visita, 19% disseram que o Brasil superou suas expectativas, e 94% afirmam que voltarão ao país em outra ocasião. Dentre os destinos preferidos dos franceses está o Rio de Janeiro em primeiro lugar com 59% das visitas, seguido por Cataratas do Iguaçu (25%), Salvador (23%), Parati (15%) e São Paulo (13%). Tematização - O estande da Embratur estava tematizado com a Copa do Mundo 2014 e aproveitou a feira para divulgar as cidades sedes e as ações do país no promoção do evento. Além disso, Lomanto

destacou a participação de representantes da Match no estande, que apesar de não serem expositores cooperados, estiveram presentes para falar do evento. Cooperados - Entre os cooperados desta edição da Top Resa estão os institucionais Iguassu

Falls, Riotur, Bahia e Amazonas; e do trade estão Global Mundi, Brazilian Incentives & Tourism (BIT), Castelo Viagens DMC, Havas Creative Tours, South America Travel, Ideia Tours DMC, Adventure World South Amercia, Latitude 30º, Tap e Latam Airline Group.

Carlos Correia, Célia Fernandes e Nelson Rodrigues, da Tap

Mathieu Méjecase e Carlos Baena, da Match Connections

Narciso Pérez eTeresita Fuentes, do MeliáVaradero

Patrícia Masche e Marisa Pinheiro, da Riotur

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Lisia Minelli

32

Andrea Cohen, da Bahia Brasil e Guto Graça, da Setur-RJ

Bruna Ianuzzi, da Amazonastur e Lina Bazzoni, da Adventure World

Rosane Palha, da Havas atendendo Osmar Sabri, da Voyages 1001

Xiomara Iglesias, vice-ministra de Cuba

Apresentação cultural durante o coquetel do Brasil

Estande da Avianca

Andreas Stuker, da South America Travel

Freddy Chacón e Carolina Chacón, da Costa Rica

Embratur lança roteiros integrados BRA

Lomanto entrega material do Brasil para ministra do Turismo da França, Sylvia Pinel

Cedric Wavelet e Mariana Rosa, da Passion Brazil

Stéphane Marques e Sandra dos Reis, da Latam

David Figureau, da Ideia Tours

Veja as notícias dos cooperados da Embratur na feira

Célia Andrade, da Setur Foz Iguaçu e Kárin Wolf, do Parque das Aves

Rolf Dux, da Elcotour

Carole Hilton, da Thakay Brasil, e Mari Masgrau, do M&E

Estande do Peru

Guy Ruan, da Latitude 30º

Juan Oviedo Delgado e Paula Arango, da Avianca

Fábio Mota, do MTur, com Marco Lomanto, da Embratur

Estande do Brasil

Estande do México

Roteiro BRA – Durante a IFTM Top Resa a Embratur lançou o roteiro integrado Bahia, Rio de Janeiro e Amazonas e fez workshops e treinamentos com agentes franceses. Segundo Marco Lomanto, estes são os grandes ícones do Turismo no Brasil e destinos muito procurados pelos estrangeiros. Segundo Bruno Giovanni dos Reis, gerente de Mercados da Embratur, o objetivo foi promover os destinos integrados com foco na estrutura para a Copa do Mundo 2014 – já que as três cidades serão cidades sedes do mundial. EBT na França – De acordo com Marco Lomanto, em um curto prazo o Escritório Brasileiro de Turismo (EBT) da França será reinstalado. Para ele, isso ajudará no incremento do fluxo de turistas entre os países. “O mercado francês é muito importante para o Brasil. Além disso, temos uma parceria muito boa com a embaixada da França”, disse. Ele ainda comentou das diversas ações de marketing, campanhas e workshops que o Brasil tem ao longo do ano na França. Europa e Bahia – Segundo Rosana França, diretora de Relações Internacionais da Bahiatursa, com os novos voos da Air Europa o fluxo de turistas europeus irá aumentar entre 30% e 40% para a Bahia. “Salvador será o novo hub do Nordeste para a Europa e América do Sul com os novos voos, que iniciarão em novembro deste ano”, disse. Com isso, a Bahia terá ligação com as cidades de Santiago (Chile), Montevidéu (Uruguai), Córdoba (Argentina) e Madri (Espanha), saindo e chegando a Salvador sem escalas, que representará a chegada de mais 200 mil turistas por ano. Mercado francês aquecido – Para Francisco Havas, da Havas Creative Tour, o mercado francês está de novo se aquecendo. Após crises e altas do dólar, que prejudicaram o fluxo de turistas franceses para o Brasil, em 2013 esse cenário começa a mudar. De acordo com o diretor, o ano de 2013 ainda apresenta resultados abaixo do esperado mas ele já trabalha com expectativas de crescimento para 2014. Em especial devido a Copa do Mundo – já que a Havas é uma empresa associada da Match Connections, responsável pela venda de pacotes para a Copa no Brasil. Parque das A ves – Em 2014, Aves o Parque das Aves completará 20 anos de sua inauguração. Em comemoração a data, está sendo construído um novo viveiro para araras com capacidade para abrigar 200 aves. Segundo Karin Wolf, uma grande festa está sendo pensada para o aniversário do parque. O único zoo do mundo em Mata Atlântica recebeu em 2012 cerca de 410 mil visitantes, sendo o brasileiro seu principal turista, com 52% do total. Na Europa, os principais mercados emissores são França, Itália, Espanha, Alemanha e Reino Unido; além da grande presença de turistas vindos dos Estados Unidos, Austrália, Japão e Rússia.


F EIRAS E E VENTOS

La Cita de Las Americas reúne trade americano em Fort Lauderdale Claudio Dasilva

Alfredo Gonzalez, da BrandUSA, Rafael Villanueva, do Las Vegas CVB, e Claudio Dasilva, do M&E

Douglas McLain, vice-presidente de Vendas Globais do Palm Beach County CVB, e Leonardo Pedraza, gerente geral da Blanco Travel

Laura Nesteanu, do Visit California

Pamela Córdova, gerente de Vendas da Copa Airlines

Fernando Harb e Erick Garnica, do Greater Fort Lauderdale CVB, eVictoria Romani, do SawGrass Mills Mall

Claudio Dasilva, do M&E, com Glenda Johnson, das Bahamas

William Talbert, presidente CEO do Greater Miami CVB, apresentando o novo vídeo promocional de Miami Melissa Basilio, do Departamento de Turismo do Kissimmee

Ginger Still, diretora de Comunicaçao e Rick Still, diretor de La Cita

Julio Burgos, do Bello Burgos, Mario Barreiro, diretor de Vendas do Medieval Times, Eduardo González, do IMS e Alfredo Gonzalez, da Brand USA

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Pilar Martinez, gerente geral do Travel Source, Mariella Carmona, gerente Internacional dos Los Angeles Tourism & Convention, e Miriam Oliva, gerente geral do Sunrise Travel

Fort Lauderdale (Estados Unidos) recebeu em outubro o La Cita de Las Américas, um fórum de três dias para os profissionais da indústria de viagens, clientes, fornecedores de gestão de marketing e serviços relacionados, no intuito de entrelaçar novos relacionamentos e facilitar a entrada em mercados chave na América Latina e no Caribe. Em sua primeira edição, o La Cita teve o objetivo de proporcionar oportunidades de networking para profissionais da indústria de viagens que atuam por lá, sempre ao lado de grandes parceiros. Rick Still, organizador da La Cita, disse ao M&E que queria criar um

trade show íntimo, onde os participantes se sentissem em casa. “Gostaria de um ambiente aconchegante para se fazer negócios e novas amizades profissionais. Um ambiente com pessoas que eu poderia até mesmo convidar para jantar em minha casa. Um novo conceito de trade show”, afirma. Enquanto a América Central e do Sul continuam apresentando grandes números em relação à presença de turistas nos Estados Unidos, o destaque fica por conta da Flórida e o crescimento ininterrupto de visitantes, em boa parte por causa dos brasileiros. Quando os viajantes chegam à Flórida, eles permanecem dentro do estado e isso o coloca como o segundo mais visitado em 2012.

33


F EIRAS E E VENTOS

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Roberto Brunet, do Turismo de João Pessoa; o prefeito da cidade, Luciano Cartaxo; o presidente do Conselho da CVC, Guilherme Paulus, Breno Mesquita e Cláudio Júnior, organizadores do evento

34

Claudio Junior e os irmãos, Bruno e Breno Mesquita

Ricardo Coutinho, governador da Paraíba

Festuris JPA encerra com a participação de 981 agentes Luciano Palumbo

Acima das expectativas. Essa foi a tônica da coletiva de imprensa com os diretores do Festival de Turismo de João Pessoa, Claudio Junior, Breno e Bruno Mesquita. Segundo eles, este ano o evento foi 80% maior que a edição de 2012 e recebeu 143 operadores, de 30 diferentes empresas e o número de 981 agentes de viagens de João Pessoa, região e outras cidades. No geral foram mais de 1,6

mil visitantes. Na coletiva, Breno Mesquita questionou ainda a dificuldade da malha aérea que, atualmente, atende com uma operação restrita o turismo no Estado. Os executivos destacaram ainda as rodadas de negócios e as salas de capacitações, mas ainda sem os números finais de participação dos agentes. Quanto aos negócios, foram 98 rodadas e, aproximadamente, R$ 2,9 milhões em geração de novos negócios.. “Vamos pedir a ajuda dos opera-

dores como Trend, CVC e Schultz, para trazer agentes do Centro Oeste, Sul e Sudeste”, disse Bruno Mesquita. Aroldo Schultz, que participou da coletiva como convidado, destacou as limitações do evento como a logística dos agentes e a duração do evento, mas elogiou a estrutura. “O agente precisa também conhecer o destinos e saber o que está vendendo”, disse Schultz. Para o ano que vem, a feira já tem a data definida. Em 2014, o Festuris

acontece nos dia 17 e 18 de outubro. Governo - O governador do Estado da Paraíba, Ricardo Coutinho, abriu oficialmente a 3ª edição do Festival de Turismo de João Pessoa. Na ocasião, acompanhado dos idealizadores da Feira, Claudio Junior e os irmãos Bruno e Breno Mesquita, o governador ressaltou a necessidade de ampliação da malha aérea para que a Paraíba desponte, cada vez mais, como destino turístico no Nordeste. Coutinho falou do interesse do

estado em voltar a receber os voos fretados, que há quase 10 anos não vêm acontecendo, e apresentou oportunidades de investimento no setor hoteleiro. A conversa aconteceu com o presidente do conselho da CVC, Guilherme Paulus. “Temos nos Estados uma alta do ICMS do combustível que acaba inviabilizando esse tipo de serviço, mas o governador Ricardo Coutinho demonstrou sensibilidade e vai estudar um mecanismo para equalizar isso”.

Temas em destaque no Fórum empresarial

Autoridades na abertura do Festuris JPA

Equipe Hotel Urbano presente à feira

Luppa conversa com o governador Ricardo Coutinho

Equipe do Beto Carrero

- O presidente do Conselho Administrativo da CVC, Guilherme Paulus abriu a 2º edição do Fórum Empresarial onde abordou o “Empreendedorismo e os 41 anos de História da CVC”. Entre os temas abordados por Paulus, a criação da CVC, a ousadia em se antecipar ao óbvio, a inspiração nos personagens da história Thomas Cook e Cesar Hitz, além dos números da operadora que hoje encontra entre as cinco maiores do mundo.

Equipe da Turise Operadora

Aroldo e a equipe contra o câncer de mama da Schultz Operadora

Equipe da Empetur

Bernardete Lorenção e Leonardo Carnieri, de Venda Nova do Imigrante (ES)

Hélio Augusto, Welania Guedes, Kleber Fonseca e Andreza Rodrigues, da CVC

Maria Alves, da estoril Meetings e Paulus, da CVC

Luppa distribui livros e autógrafos aos agentes de viagens

Renata Araújo, do M&E, com Emerson Camilo, Gilvan Silva e Meire Green, da Advance

Christiane e Gustavo, da Lucky Receptivo, com Luiz Walter e Manuela Rodrigues, da CVC

Adeir Loesch e Edimilson Benetti, da Liga Turismo

Renata Araújo, do M&E, e Leonardo Mignani, da AIT

Carlos Augusto e Bruna Miranda, da Brocker Turismo

Catharine Brasil, da Setur de Campina Grande, Ruth Avelino e a deputada Iraê Lucena

- “O Brasil precisa crescer com o turismo externo”, disse Osório Naves, diretor de Comunicação da CNTur – que representou o presidente da entidade, Nelson de Abreu Pinto . “Há 20 anos tentamos ultrapassar a marca de 5 milhões de turistas estrangeiros. - “O Brasil diz que acordou, mas viu que estamos muitos atrasados”, foi com esta frase que o presidente do grupo Schultz, Aroldo Schultz, iniciou sua palestra. “Chega de Hipocrisia no Turismo. O mundo mudou”. Ele disse ainda que não acredita como as entidades não lutam pelos ideais e o favor das classes. “O presidente da Abav Nacional, Antonio Azevedo, não apóia os agentes de viagens. Fizemos uma campanha na Abav e ele sequer aceirou meu convite para comparecer ao estande da Schultz”, comentou.

- A diretora do Convention Bureau de Estoril, Maria José Alves, falou aos agentes de viagens e visitantes presentes ao 3º Fórum Empresarial de Turismo sobre os avanços do segmento em Portugal e de como o país impulsiou o turismo tornando-o rentável e favorável a política daquele país. - O presidente da Trend, Luis Paulo Luppa, palestrou aos agentes de viagens sobre como as relações pessoais e profissionais interferem na produtividade, principalmente, no segmento de vendas. “As pessoas compram de quem gostam e confiam”, disse. Segundo ele, é necessário fazer o que gosta. Luppa disse aos agentes que ainda que é preciso agregar valor aos produtos para diferenciar a venda. “Ela não cai no quintal. Vendedor que bate meta é autoridade”, ressaltou o executivo que cruzou as informações pessoais de cada um.

Aroldo Schultz

Maria Alves, da Estoril Meetings

Guilherme Paulus em palestra

Luis Paulo Luppa, da Trend

Osório Naves, da CNTur


I NSTITUCIONAL

Tem início a votação do Prêmio Personalidade do Turismo 2013: veja como participar deste grande evento Cédula de votação traz senha que permite participação

Luiz Marcos Fernandes

Veja o que pensa o trade a respeito do prêmio “Sucesso há mais de uma década, o prêmio Personalidade do Turismo aumentou sua credibilidade ao longo dos anos. Hoje, mais do que nunca, reflete o brilho do excelente trabalho desempenhado pelos profissionais, que por suas qualidades, fazem a diferença no setor de viagens e turismo, atuando como verdadeiros representantes desta grandiosa e diversificada atividade. Que o reconhecimento e as justas homenagens não cessem jamais, prestigiando aqueles que, todos os dias, fortalecem a importância do setor como um todo”. A NTONIO A ZEVEDO , PRESIDENTE DA A SSOCIAÇÃO B RASILEIRA DE A GÊNCIAS DE V IAGENS (ABA V N ACIONAL ) (ABAV

“ Vejo o prêmio Personalidade do Turismo como um momento especial e de grande emoção. Todos gostamos do aplauso, especialmente quando ele vem como reconhecimento pelo conjunto de atividades executadas dentro desta indústria magnífica e encantadora que é o turismo. Soma-se a isso o fato da aprovação ser fruto de pesquisa de opinião e, ainda, o fato do evento ser capitaneado por um veículo de comunicação de grande respeito e credibilidade – o Mercado & Eventos. Esta iniciativa é extremamente importante, porque receber uma menção impulsiona ainda mais a busca por melhores resultados, projetos, investimentos e qualificação”. M ART A R OSSI , ARTA DIRETORA DO F ESTURIS E A & S ÍL VIA DA EMPRESA M ART ARTA ÍLVIA

Eleitos do ano de 2012

solenidade de gala, no dia 05 de dezembro, no Golden Room do Hotel Copacabana Palace, no Rio de Janeiro. O prêmio Personalidade do Turismo é uma homenagem do trade àqueles que mais se destacaram em suas funções ao longo do ano. “Este prêmio é um reconhecimento ao trabalho das pessoas e instituições

que se destacam a cada ano no turismo brasileiro, uma vez que o processo de votação é feito exclusivamente por pessoas que trabalham no setor e, de forma direta e secreta”, afirmou Roy Taylor, vice-presidente Executivo do MERCADO & EVENTOS e FOLHA DO TURISMO.

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Com esta edição do M&E, número 234, segue uma cédula especial com as instruções para a votação do tradicional Prêmio Personalidade do Turismo, que neste ano chega à sua 13a edição. Em parceria com a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e apoio da Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav Nacional), o trade do turismo brasileiro poderá escolher as personalidades (pessoas e instituições) que mais se destacaram ao longo do ano. A eleição este ano acontece, a exemplo das duas últimas edições, por meio da internet, em um hotsite especialmente desenvolvimento para a mesma, no seguinte endereço eletrônico: www.mercadoeeventos.com.br/ personalidadedoturismo2013. A cédula para votação contém uma senha individual e todo o regulamento. De posse desta senha, o leitor acessa o site acima mencionado, onde vai registrar o seu voto. Serão três votos em personalidades e três votos em instituições. Cada senha dá direito ao voto de um único leitor. Uma vez utilizada, a senha perderá a validade. A votação é livre e direta e os votos serão computados até às 23h59 do dia 8 de novembro. O resultado será divulgado no portal do M&E no dia 11 de novembro e na edição impressa da segunda quinzena de novembro. As dez personalidades do turismo e as três instituições mais votadas receberão os prêmios em uma

35


I NSTITUCIONAL

MERCADO & EVENTOS inova mais uma vez com versão mobile Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Rafael Massadar

36

O MERCADO & EVENTOS lançou mais um canal de interação com o leitor. Em setembro, o M&E lançou sua versão mobile, que pode ser acessada por meio de aparelhos celulares com acesso à internet. O novo formato é uma versão resumida daquilo que o internauta vê na tela do computador. Você terá em mãos, de maneira mais ágil, as notícias, opiniões e coberturas especiais do site. A versão móvel foi desenvolvida para que os leitores possão visualizar o conteúdo em seus celulares mesmo com uma conexão de dados de baixa velocidade. As páginas são mais leves e os menus garantem a navegação rápida entre as editorias e os blogs. Além de outras facilidades, o novo formato permite que o leitor possa ver fotos, assistir vídeos e compartilhar as notícias nas principais redes sociais – Twitter e Facebook. O novo aplicativo atende também à demanda por uma internet cada vez mais móvel, onde a navegação é feita em telas cada vez menores e sensíveis ao toque. Segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica, neste ano serão vendidos 29 milhões de smartphones no Brasil – cerca de 80% mais do que em 2012. Estima-se que 44% deles serão inteligentes. O investimento em publicidade móvel está crescendo na mesma velocidade ou ainda mais rapidamente do que o próprio uso da internet móvel. O M&E busca soluções de comunicação inovadoras e criativas e disponibiliza para os anunciantes que precisam de mobilidade na hora de comunicar suas ofertas. Passo a passo - Para acessar pela primeira vez o novo M&E Móvel, o usuário só precisa digitar www.mercadoeeventos.com.br no navegador de seu smartphone. Não há necessidade de baixar aplicativo em loja virtual. Ao longo dos próximos meses, mais novidades serão anunciadas.

M&E inovou durante o ano de 2013: mudanças no site, inclusão do QR Code nas edições impressas e, agora, a versão mobile

Novidades não param Em 2013, o MERCADO & EVENTOS lançou diversas novidades em seu site e nas suas publicações. No ano em que completa 10 anos, inovou ao colocar o QR Code em todos os seus veículos. Um código de barras bidimensional que pode ser facilmente escaneado usando a maioria dos telefones celulares equipados com câmera. Esse código é convertido em um endereço que contém todas as nossas edições.

Outra novidade foi a implementação do acervo digital no site do M&E. As edições digitalizadas estão organizadas por data e podem ser acessadas de duas formas: usando a ferramenta de busca por edição ou na pesquisa por categoria. As matérias consistem em fragmentos das páginas digitalizadas, que foram extraídas com o objetivo de facilitar a busca no site e a leitura os textos, ao serem ampliados na tela. O acesso é gratuito por tempo ilimitado.

Pesquisa aponta que publicidade mobile aumenta ano a ano A quantidade de anunciantes interessados em publicidade em telefones celulares dobrou nos últimos dois anos. Essa é a conclusão de um estudo lançado recentemente pela comScore, empresa especializada na medição de serviços online. Depois de atravessar alguns períodos de turbulência e tempo ruim, sem condições de avistar boas perspectivas no horizonte, a publicidade para mobile decolou. O levantamento ainda revela um dado bem interessante: nos últimos dois meses 689 anunciantes rodaram campanhas mobile. Esse número representa um aumento de 128% em relação ao mesmo período em 2009. Outra pesquisa, só que realizada pela DM2 Media and Jumptap, reforça os resultados apresentados pela comScore. De acordo com a análise, 85% dos publicitários estão envolvidos com algum tipo de ação de marketing com mobile. Além disso,

60% estão reservando seu budget de publicidade online para investir nesse tipo de campanha. Dentre os 350 entrevistados, a metade estava envolvida em campanhas de resposta direta e a outra metade, em campanhas de branding. A pesquisa da comScore ainda aponta que a popularização dos smartphones está por trás do crescimento da publicidade mobile. Verificou-se que 82% dos proprietários de smartphones navegam na internet com seus aparelhos, enquanto apenas 19% dos usuários utilizam suas funções básicas, ou seja, telefonam e enviam mensagens de texto. Uma análise de mais de 200 milhões de impressões de campanhas servidas pela MediaMind, entre o quatro trimestre de 2010 e o primeiro trimestre de 2011, mostra que os internautas são nove vezes mais propensos a clicar em banners mobile do que Banners Standard.

Internet se consolida como principal fonte de informação para os viajantes A internet se tornou a principal fonte de informação para os viajantes, de acordo com o estudo da Demanda Turística Internacional. Cerca de 1,87 milhão de turistas estrangeiros que vieram ao Brasil em 2012, usaram a rede para buscar informações sobre os destinos e até comprar pacotes turísticos. Com o propósito de dialogar com o internauta, o Ministério do Turismo está presente em oito redes sociais: Facebook, Instagram (@mturismo), Twitter, Orkut, Pinterest, Youtube, Flickr e Google+. O Brasil possui 102,3 milhões de internautas, sendo que 75% deles

fazem parte de redes sociais. O Ministério do Turismo se apoia nas redes sociais para analisar o perfil do viajante brasileiro, informar e dar visibilidade às políticas internas de turismo. Na Fanpage do MTur, 137 mil usuários enviam imagens para um álbum de fotos colaborativo. A rede Google+ registrou, em agosto, 255 mil seguidores. O perfil do MTur no Twitter, por sua vez, mais de 130 mil. A rede colaborativa de fotos Instagram tem quatro mil seguidores e 1.555 fotos publicadas desde janeiro do ano passado, 16 mil delas inseridas por usuários.


WWW . MERCADOEEVENTOS . COM . BR

Últimos vídeos

 BWT foca na promoção das cidades-sede na Argentina  Marina Park terá último réveillon do Chiclete com Banana  Vitória investe em ações para o público e trade argentino  São Paulo apresenta novo material durante a Abav  Braztoa aprova novo formato do ECB

Pesquisa:

O MERCADO & EVENTOS perguntou aos seus internautas: Você acredita que os aeroportos brasileiros vão melhorar com as concessões? Veja o resultado: Estatísticas de resposta.

doTurismo

& Vem

Mario Trojman deixa a Silversea para estar à frente do novo escritório da Blue SeaCruises, em São Paulo; Fabio Boschero é o novo chef executivo do Hilton São Paulo Morumbi, substituindo Erik Fois, que assume o cargo de gerente de Alimentos & Bebidas no Hilton Lima Miraflores, no Peru; Saulo Costa é o novo gerente da RCA Turismo de Pernambuco; Paulo Renato deixa Secretaria de Turismo de Vitória e volta ao comando da Etérea Viagens e Turismo e a Fomatur Turismo. No seu lugar Leonardo Krohling assume a secretaria; Patrick Andersen é o novo presidente das Américas da Carlson Wagonlit Travel; Andrea Mansano assume como nova diretora de Vendas Sênior da Hertz Brasil; Decius Valmorbida é o novo responsável global de Marketing de Distribuição na Amadeus; João Paulo Stropaissi deixa a gerência de Produto da América do Sul na Flytour Viagens e retorna à CVC, em seu lugar assume Marcelo Paolillo; Sandro Sant’Anna, Vice-Presidente de Canais de Vendas da CVC, deixou o cargo; e Fabio Godinho, Vice-Presidente de Produtos, passa a comandar exclusivamente a equipe e os negócios dedicados aos destinos internacionais; Luciano Agostini acaba de assumir a gerência do hotel Quality Niterói, no lugar de Rossana Souza, nova gerente do Copacabana SuitesByAtlantica; Valdir Walendowsky, presidente da Santur, é o novo secretário Estadual de Turismo de Santa Catarina, no lugar de Beto Martins; A AssistCard Brasil acaba de contratar Raphael Chiesa, como novo Coordenador de Vendas. Ele ficará com a região do Paraná; A rede Meliá anunciou Jairo Torres como o novo Diretor de Vendas e Marketing para o resort ME Cabo; Sebastian Roces assumiu como diretor de Vendas & Marketing Regional para o Cone Sul da rede IHG; Renato Scolamieri é o novo diretor de Marketing da Trend Operadora. Ele cuidará da ampliação do setor dentro e fora da holding.

73,3%

1ª - Embratur disponibiliza R$ 12 mi para o “Verba Descentralizada 2013” 2ª - Venda de ingressos da primeira fase para Copa termina neste dia 10 3ª - Tap confirma voo para Manaus e Belém 4ª - Oktoberfest começa hoje em Blumenau com 700 mil litros de chope 5ª - Toscana recebe 25% dos brasileiros que vão à Itália

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

Vai

1ª - João Paulo Stropaissi deixa Flytour e retorna à CVC 2ª - Luis Soto assume diretoria no Grupo Flytour 3ª - Clube do Feijão Amigo faz almoço em encontro de agentes no Rio 4ª - 10º Encontro Nacional de Agentes de Viagem tem nova logo e muda nome 5ª - Nascimento não deve repor vaga deixada por Adriano Gomes

05/10 - 11/10

Últimas galerias de fotos

 Toscana recebe 25% dos Brasileiros que vão à Itália  3ª Oficina de Turismo chega a último dia; veja fotos  Confira Imagens do primeiro dia da 3ª oficina de Turismo  Jatiúca (AL) inaugura novo centro de eventos e triplica capacidade  Peru divulga potencial da hotelaria e gastronomia do trade do Rio

28/09 - 04/10 Sim Não

26,7%

TOP 10 mais lidas no site do M&E

37


A GENDA

P ASSAPORTE

Outubro de 2013 - 2ª quinzena

WTM abre com premiação Global Award: Empetur está entre os eleitos

38

Durante a WTM – World Travel Market 2013, que acontece de 4 a 7 de novembro em Londres, a Empresa de Turismo de Pernambuco (Empetur) recebe o troféu WTM Global Awards. A premiação acontece anualmente para empresas e entidades que contribuem com as melhores práticas, sejam elas relativas à sustentabilidade ou inclusão social, além da promoção e desenvolvimento no setor onde atuam. A indicação da Empetur para o prêmio é uma iniciativa do M&E, veículo media partner oficial da WTM no Brasil. Os nomes indicados são submetidos e aprovados por uma comissão organizadora. Cada media partner ao redor do mundo deve listar três indicados, entre os quais o vencedor é escolhido.

A solenidade de entrega dos prêmios acontece no dia da abertura da WTM. Na programação técnica do Congresso, a WTM debaterá, entre outros temas, o potencial do turismo do Japão e Brasil durante o chamado Programa de Mercados. A ação, organizada pela Associação dos Operadores de Turismo Europeia (ETOA), começa no dia 5 de novembro. A primeira sessão vai abordar o potencial emissor do Japão. Em seguida será a vez do Brasil, que tem sido apontado como um destino em potencial. Na ocasião, a ETOA vai revelar os resultados de um pesquisa sobre a emissão de brasileiros para a Europa. O evento também dará ênfase, esse ano, na evolução e uso das redes sociais no turismo, abordando

temas relativos ao Google e Facebook. Na parte do turismo de luxo, a International Luxury Travel Market (ILTM), maior exposição de turismo de luxo, será realizada dentro da WTM. O evento acontece nos dias 4 e 5 de novembro, paralelamente à feira. O Brasil estará representado pelo cooperado da Embratur, já divulgando as novidades do novo estande e com foco na Copa do Mundo de 2014. O M&E vai distribuir a revista Folha do Turismo Brasil, editada em inglês, destacando destinos e atrativos. Haverá também uma cobertura online, com fotos, entrevistas em vídeo e novidades apresentadas que serão divulgadas posteriormente na edição impressa. Informações: www.wtmlondon.com

Festuris comemora sua internacionalização com recorde de 70 países Após mais uma confirmação de novo expositor, desta vez do Quênia, o Festival do Turismo de Gramado, que acontece entre os dias 7 a 10 de novembro, confirma a consolidação do processo de internacionalização do evento, que para a 25ª edição comemorativa, tem a expectativa de receber delegações e representantes de cerca de 70 países. Para o diretor do Festuris, Marcus Rossi, a internacionalização do evento se solidifica na medida em que os expositores vêm para o festival em busca de negócios que se consolidam especificamente em Gramado. “O turismo emissivo do Sul do país e dos vizinhos do Mercosul é diferenciado em relação ao Centro do Brasil, o que acaba atraindo destinos e empresas do segmento de todo o mundo para fechar parcerias comerciais em nosso evento”, comemora. Ele ainda lembra que a divulgação do Festuris nas maiores feiras de turismo dos quatro continentes também contribui para esse crescimento. “Temos uma grande amostra dos mais influentes destinos e serviços de turismo mundial reunidos em um mesmo ambiente, permitindo a ampliação dos negócios.” A participação do diretor do Festival do Turismo de Gramado, Eduardo Zorzanello, na Feira Internacional de Turismo da América Latina (FIT Buenos Aires), rendeu uma aproximação maior com o mercado latino-americano e algumas confirmações de expositores e convidados para o evento. Zorzanello oficializou o convite para a nova secretária nacional de Turismo do Paraguai, Marcela Bacigalupo, que deve prestigiar o Festuris. O diretor também aposta em uma ampliação na presença das províncias argentinas no

Festuris, independente do estande do governo federal. “A participação, ainda maior, de países das Américas do Sul e Central deve ficar evidente em 2014. Entre os destaques, está Cuba”, comemora Zorzanello. Ele reforça o encontro com uma comitiva da Índia, que deve render a vinda do país para o evento também na edição do próximo ano. Salões – Esse ano, o Festival terá, durante a Feira de Negócios, os tradicionais salões. Durante o evento acontece o 2º Salão de Acessibilidade, o 1º Salão de Sustentabilidade e Turismo Verde, o Salão de Tecnologia para o Turismo, o Salão do Turismo GLS, o Salão dos Parques Temáticos, o Salão do Enoturismo, o Salão Mice Abeoc, o Salão do Turismo Cultural e Religioso. Informações pelo www. festivalturismogramado.com.br. CONFIRA A PROGRAMAÇÃO: • 07 de novembro - quinta-feira 20:00 Solenidade de abertura (local: Palácio dos Festivais) 22:00 Festa de Abertura “Festa das Festas” oferecida pelo Rio Grande do Sul • 08 de novembro de 2013 sexta-feira 08:30 - Painéis - Turismo Sustentável e o Desenvolvimento Econômico – com Márcio Favilla; Práticas do Turismo Sustentável nos Meios de Hospedagem - com Ditmar Bellman; Práticas do Ecoturismo e Turismo de Aventura - com Evandro Schultz (Abeta); Turismo e Sustentabilidade no Setor de Alimentação - com Jair Menegelli; Atitudes que Transformam o Turismo - com Danilo Martins.

10:30 - Painéis - Segmentação Turística: Uma Estratégia Para Tornar Seu Produto Turístico Competitivo - com Wilken Souto (MTur); Turismo de Negócios e Eventos, Mercado MICE - com Anita Pires (Abeoc); Turismo Criativo - com Luiz Fernando Moraes (Setur-PA); O Agente de Viagem Como Especialista - com Daniela Pilla (Ocean Turismo). 14:00 – Abertura da Feira de Negócios, no Serra Park 14:20 – Workshop - África do Sul - com Adriano Mellenberg 15:10 – Workshop Uruguay Friendly - com Daniela Bouret e Adrián Russo 16:00 – Workshop Destinos GVA Mara Aristeu Pessoa – Destino Arizona; Tatiana Bozzo - Destino Barbados; e Vinicius Pereira Destino Seychelles 17:00 – Workshop – Turquia - com Heidy Nass - MTI Tour 20:00 - Encerramento da Feira de Negócios • 09 de novembro de 2013 sábado 08:30 – Painel - Mídias Sociais, com Paulo Kendzerski (WBI), Alexandre Sampaio e Arnaldo Lewandowski 09:45 - Painel - Competitividade Presente e Futuro com Celio Saraiva e Rita Vasconcelos 11:00 - Painel - Vendas No Século 21, com Dado Schneider e Carlos Alberto Krause 14:00 - Abertura da Feira de Negócios, no Serra Park 14h20 – Workshop Travelport 15h20 – Operadoras de Turismo com Débora Kondo (Azul Viagens) 16h10 – Workshop Magalhães, região austral do Chile 19:00 - Encerramento da Feira de Negócios

Tome Nota ITB - A ITB Berlim apresenta seu mais recente programa de conferências online. Um dos temas visa otimizar o uso das redes sociais. Os expositores terão a chance de discutir como utilizar a ferramenta para melhorar a participação na ITB Berlim, antes, durante e depois da feira. Uma especialista em marketing turístico via redes sociais, realizará um seminário, no dia 26/11. Já no dia 11/12, Rolf Freitag, fundador do IPK International e

organizador do Forum anual World Travel Monitor, em Pisa, vai dar um panorama sobre as tendências globais de viagens e uma perspectiva para 2014. Entre os dias 23 e 25/10 acontece a edição ITB Asia, em Singapura. Durante o evento, os participantes poderão saber mais sobre mercados emissores de língua alemã e da importância crescente do turismo LGBT. A ITB Academy também vai realizar um workshop durante a conferência anual da Associação de Vi-

agens Alemã (DRV), em Salzburgo, em 16/11. AVIR RP - Registrando crescimento VIRR nos últimos anos, a feira da Avirrp já tem data confirmada para 2014. A próxima edição do evento acontecerá nos dias 15 e 16 de agosto. JP A - A quarta edição do FestiJPA val do Turismo de João Pessoa – Festuris JPA - já tem data marcada. Será nos dias 17 e 18 de outubro de 2014.

>> Do total de R$1,5 bilhão previsto no orçamento para esse ano, a Infraero já investiu R$ 884,5 milhões em obras de reformas e ampliação nos aeroportos que administra. Foi o melhor resultado de investimentos da estatal nos últimos sete anos. A maior proporção de investimento havia sido em 2006, quando chegou a 51% do total previsto. Com a proximidade da Copa, o ritmo das obras deve ser acelerado ainda mais. >> O setor de intercâmbio no Brasil vem registrando expansão constante nos últimos anos. Dados da Belta (Associação Brasileira de Organizadores de Viagens Educacionais e Culturais) revelam que o intercâmbio cresceu 5% no país em 2011. Somente em 2012, cerca de 175 mil estudantes participaram de programas de intercâmbio, gerando US$ 2 bilhões em negócios. De acordo com a instituição, metade dos negócios fechados é proveniente da classe C – público que se beneficia muito de um consórcio desse tipo. >>A Brocker T Turismo urismo comemorou seus 18 anos com novas contratações para a equipe. São elas: Bruna Miranda, gerente Comercial e Guilherme Lirio, analista de Marketing. Além da busca pela qualificação da equipe, a Brocker tem como novidade o Pacote Serra Gaúcha Abaixo de Zero, que conta com um passeio exclusivo, onde os clientes poderão conhecer o parque Snowland. >> Apesar da alta do dólar, as viagens de brasileiros para os Estados Unidos revelam um aumento de 12%, comparado ao mesmo período do ano passado. Segundo Alexandre Luis Pedrosa, diretor da Infovistos, mesmo com o valor do dólar acima da média, os brasileiros continuam viajando a negócios e, principalmente, a lazer. >> O Rio Convention & Visitors Bureau vai ganhar nova formatação. As alterações não se limitam ao estatuto. A atual diretoria foi desfeita temporariamente até que seus membros possam mudar o contrato atual, passando a atuar como pessoas jurídicas. Na opinião de Alfredo Lopes, presidente do RCVB, as mudanças são necessárias para modernizar e tornar a entidade mais competitiva e eficaz. “Contratamos uma empresa de consultoria, a Genesis, que está nos auxiliando neste processo de reestruturação. Queremos trabalhar com serviços terceirizados e poder mudar o estatuto, permitindo, assim, contratar pessoas jurídicas, o que o atual modelo não permitia. O Rio Convention completa em fevereiro 30 anos e precisava destas mudanças”, afirmou ele. >> O ministro do Turismo, Gastão Vieira, assinou o Pacto pelo Desenvolvimento do Turismo com o prefeito municipal de Niterói Niterói, Rodrigo Neves, no auditório do Museu de Arte Contemporânea (MAC). O pacto tem por objetivo formalizar a cooperação entre o município e o Ministério do Turismo (MTur) para a realização de projetos de melhoria da infraestrutura turística, com foco na realização da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016. Serão investidos R$ 3,7 milhões na cidade. >> O prefeito de Chicago Chicago, Rahm Emmanuel, e Don Welsh, CEO do Choose Chicago, órgão oficial de promoção do turismo da cidade, apresentam números inéditos do setor turístico registrados em 2012. No ano passado, o número recorde de 1,3 milhão de visitantes estrangeiros desembarcaram em Chicago, o que representou um crescimento de 14,2% em relação a 2011 (1,2 milhão). Os mercados que mais contribuíram para esse aumento são os da Ásia (30%) e da América do Sul (18%). As receitas fiscais de Chicago cresceram 37% desde os desafios da crise de 2009. A indústria do turismo gerou, em 2012, um impressionante saldo de US$ 805,6 milhões. Ano passado, o crescimento da ocupação hoteleira levou as receitas dos hotéis a cerca de US$ 100 milhões.


Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena

39


40 Outubro de 2013 - 2ÂŞ quinzena


M&E Edição 234