__MAIN_TEXT__

Page 1

ESPAÇO DO PROFESSOR

PALAVRAS QUE ENSINAM EM ROSEANA MURRAY

LITERATURA | 

ARTES VISUAIS


guia de Ă­cones ler observar, ver (obra de arte)

pesquisar, aprofundar, procurar

analisar, questionar, elaborar hipĂłteses, comentar (questionando)

registrar, criar, destacar, grifar, completar

apresentar, relatar, compartilhar em voz alta

comentar, explicar discutir, conversar


título

Palavras que Ensinam em Roseana Murray apresentação A literatura tem como matéria-prima a palavra, que pode trazer à tona sentimentos e sensações esquecidos, tais como palavras de carinho e de reconhecimento que deixaram de ser usadas. Nesse sentido, o poeta, ao trazer mensagens de ensinamento, pode colocar em questão o cuidado com as palavras e com o outro. Este trabalho tem como objetivo reconhecer a palavra como elemento essencial no contato com o outro.

objetivos ••Conhecer as características de Roseana Murray; ••Relacionar os poemas: “Receita de Andar sem Rumo”, “Espelho”,

“Gestos”, “Receita de Tocar o Outro” e “Receita de se Olhar no Espelho”;

••Relacionar a obra Recado Difícil, de Almeida Júnior, com os recados de Roseana Murray.

áreas do conhecimento

segmento

Literatura e artes visuais.

Ensino Fundamental I.

duração

recursos necessários

4 aulas.

••Computador com recursos multimídia (som e imagem) e acesso à internet, projetor/tablet;

••Objetos diversos para oficina de sensações; ••Dicionário; ••Espelho.


desenvolvimento 1º MOMENTO

Aproximação com a autora Inicie a aula registrando as palavras: “receitas”, “manual” e “recados” na lousa. Em seguida, peça para que os alunos procurem o significado de cada uma delas no dicionário. Esse trabalho pode ser realizado em duplas. Ao terminar, alguns estudantes podem ler os significados encontrados. Peça para identificarem o sentido em comum dessas palavras. Dê um tempo para que conversem entre si sobre possíveis descobertas. Verifique se os alunos perceberam que as 3 palavras possuem a ideia de registro (livro, notícia, mensagem, prescrição ou conselho). Faça a leitura do poema a seguir:

Receita de Andar sem Rumo

O vento como guia Suba montanha acima Siga a música do rio Pedra por pedra Dia por dia Perca o rumo e o fio Deixe que o coração Cante as horas Arrume a noite e o sol.

Roseana Murray In: Receita de Olhar. São Paulo: FTD, 1999. p. 18.

Peça para que comentem sobre o que acham de ter o vento como guia e a que os versos do poema se referem. Em seguida, apresente à turma informações sobre a autora, Roseana Murray, e leia seu verbete na Enciclopédia Itaú Cultural. Fale sobre algumas de suas obras com os alunos, permitindo que eles tragam referências e conhecimentos prévios sobre a autora.

6

ESPAÇO DO PROFESSOR


2º MOMENTO

Oficina de sensações Peça para que os alunos tragam de casa objetos. Eles podem ser macios, frios, ásperos, lisos, enrugados etc. Organize os estudantes em círculo, diga para que fechem os olhos e passe um objeto de cada vez nessa roda. Ao pegá-lo, cada criança deve dizer uma palavra sobre o que aquele objeto a faz lembrar. Depois de todos os objetos passarem pelo círculo de alunos, converse sobre a sensação que tiveram, o que descobriram sobre o tato e sobre a audição (se alguém tiver levado um objeto que faz barulho). Ainda em círculo, entregue o poema a seguir para todos e peça para que o leiam em voz alta, em frente a um espelho (garanta que todos passem pela experiência de ler o poema em frente ao espelho):

Espelho

Espelho, espelho meu: Diga a verdade, Quem sou eu? Se às vezes me estilhaço, Se às vezes viro mil, Se quero mudar o mundo, Se quero mudar o rosto, Se tenho sempre na boca Um gosto de água e de céu, Se às vezes anoiteço Em plena luz do sol Ou então amanheço Com vontade de voar,

Roseana Murray In: Recados de Corpo e Alma, São Paulo: FTD, 2003. p. 15.

Espelho, espelho meu: Diga a verdade, Quem sou eu?

PALAVRAS QUE ENSINAM EM ROSEANA MURRAY

7


Pergunte aos alunos se já ouviram a questão inicial do poema. Comente que ela retoma a história de Branca de Neve com uma diferença. Questione qual seria ela. Peça que registrem numa folha avulsa uma resposta sobre quem é cada um. Cada aluno deve se descrever e falar de si, sem redigir o próprio nome na folha de papel.

3º MOMENTO

Relacionando obras Leia junto com os alunos Gestos, de Roseana Murray e peça que observem a importância da representação gestual no poema:

Gestos

Adivinho um a um Os seus gestos, Um jeito de dizer as coisas, De arrumar o rosto, De girar o corpo. Onde está você, Em que parte do mundo Ouvirei a voz Que romperá a noz Onde guardo meus segredos?

Roseana Murray In: Recados de Corpo e Alma, São Paulo: FTD, 2003. p. 38.

Agora, peça que observem a obra do artista Almeida Júnior, Recado Difícil. Qual o gestual que os dois personagens presentes na tela representam? Com base nesses gestuais, é possível identificar quais sentimentos? O que poderia ser “difícil” no recado do título da obra? Pela postura do menino, como ele recebe ou dá esse recado?

8

ESPAÇO DO PROFESSOR


Almeida Júnior Recado Difícil, 1895 óleo sobre tela, c.i.e. 138 x 79 cm Museu Nacional de Belas Artes - Ibram/MinC (Rio de Janeiro, RJ). Reprodução fotográfica de Romulo Fialdini.

PALAVRAS QUE ENSINAM EM ROSEANA MURRAY

9


4º MOMENTO

fechamento Converse com alunos sobre os poemas que convidam o leitor a se conhecer e a conhecer o outro, que possuem no próprio título um ensinamento sobre a forma de falar e agir. Apresente os poemas-receita:

Receita de Tocar o Outro

Porteira aberta Para o universo Cada um é único Lugar sagrado Onde árvores antigas E estrelas cantam Tocar o outro E sua alma Como se fosse Uma flauta

Roseana Murray In: Receita de Olhar. São Paulo: FTD, 1999. p. 34.

Receita de se Olhar no Espelho

Se olhe de frente De lado De costas De cabeça para baixo Pinte o espelho De azul dourado vermelho Faça caretas ria sorria Feche os olhos abra os olhos E se veja sempre surpresa Roseana Murray In: Receita de Olhar. São Paulo: FTD, 1999. p. 12.

Quem é você?

10

ESPAÇO DO PROFESSOR


Nesse momento, distribua aleatoriamente os papéis em que os alunos registraram as respostas da pergunta “quem é você”, peça para que cada um leia o papel recebido e que todos tentem adivinhar quem é o colega descrito em cada texto. Depois de todos falarem, peça para que redijam uma receita poética com o tema que desejarem. Ao terminar, peça que cada aluno leia seu texto. Depois, converse com a turma sobre formas de registrar memórias: diários, desenhos, fotografias, vídeos etc.

reflexão final

R

oseana Murray é referência na poesia infantil e juvenil brasileira. Por meio de seus poemas, os alunos percebem o cuidado com as palavras na criação literária e no contato com o outro. Além disso, refletem sobre questões de identidade, memória e sobre o que os torna únicos.

referências ALMEIDA Júnior. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2018. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural. org.br/pessoa18736/almeida-junior>. Acesso em: jan. 2018. Verbete da Enciclopédia. ISBN: 978-85-7979-060-7. CANDIDO, Antônio. Ficção e confissão. Rio de Janeiro: Ouro sobre Azul, 2006. COELHO, Nelly Novaes Coelho. Literatura infantil: teoria, análise, didática. São Paulo: Moderna, 2000. JÚNIOR, Almeida. Recado Difícil (1895). 138 x 79 cm. Óleo sobre tela, c. i. e. Acervo Museu Nacional de Belas Artes – Ibram/MinC, Rio de Janeiro.

PALAVRAS QUE ENSINAM EM ROSEANA MURRAY

11


LITERATURA infantil e juvenil. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2018. Disponível em: <http://enciclopedia. itaucultural.org.br/termo12152/literatura-infantil-e-juvenil>. Acesso em: jan. 2018. Verbete da Enciclopédia. ISBN: 978-85-7979-060-7. MURRAY, Roseana. Manual da delicadeza de A a Z. São Paulo: FTD, 2001. MURRAY, Roseana. Recados de corpo e alma. São Paulo: FTD, 2003. MURRAY, Roseana. Receitas de olhar. São Paulo: FTD, 1999. NELLY Novaes Coelho. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2018. Disponível em: <http://enciclopedia. itaucultural.org.br/pessoa3595/nelly-novaes-coelho>. Acesso em: jan. 2018. Verbete da Enciclopédia. ISBN: 978-85-7979-060-7. ROSEANA Murray. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2018. Disponível em: <http://enciclopedia.itaucultural. org.br/pessoa3948/roseana-murray>. Acesso em: jan. 2018. Verbete da Enciclopédia. ISBN: 978-85-7979-060-7. ZILBERMAN, R.; LAJOLO, M. História & histórias da literatura infantil brasileira. São Paulo: Ática, 2000.

12

ESPAÇO DO PROFESSOR


núcleo enciclopédia Gerência Tânia Rodrigues Coordenação Glaucy Tudda Equipe Camila Nader Elaine Lino Lucas Rosalin (estagiário)

núcleo comunicação Gerência Ana de Fátima Souza Coordenação Carlos Costa Direção de Arte Arthur Costa Luciana Orvat (terceirizada) Projeto Gráfico Serifaria Produção Editorial Victória Pimentel

Profile for Itaú Cultural

Palavras que ensinam em Roseana Murray  

Plano de aula que analisa o trabalho da poeta Roseana Murray com o objetivo de reconhecer a palavra como elemento essencial no contato com o...

Palavras que ensinam em Roseana Murray  

Plano de aula que analisa o trabalho da poeta Roseana Murray com o objetivo de reconhecer a palavra como elemento essencial no contato com o...