Issuu on Google+

Foto: arquivo da autora

é mineira de São João del-Rei, cidade onde cresceu dividindo seu tempo entre as brincadeiras com as crianças da rua em que morava e a emocionante descoberta dos clássicos da literatura. Com o tempo, essa experiência se transformou em um grande interesse pelas artes plásticas e pela ilustração. Formou-se em Desenho pela Escola de Belas Artes da UFMG, fez pós-graduação em Arte Contemporânea pela PUC Minas e em História da Cultura e da Arte pela UFMG. Além de ilustradora e artista plástica, escreve livros de arte e foi professora de Desenho e de Teoria da Cor para o ensino superior. É também autora da HQ Leonardo da Vinci, lançada pela Editora Nemo.

d e

E M

Q UADRINHO S

Mirella Spinelli

E

Mirella Spinelli

Mirella Spinelli

d i A´ r i o

anne Frank

anne Frank

O diário de Anne Frank em quadrinhos é uma adaptação da obra O anexo: notas do diário de 12 de junho de 1942 a 1o de agosto de 1944, um relato doce e, ao mesmo tempo, melancólico da menina judia e de sua experiência durante a Segunda Guerra.

O d i A´ r i o d e

Anne Frank passou dois longos anos escondida no Anexo Secreto – esconderijo em um prédio comercial de Amsterdã –, entre 1942 e 1944. Sua história é conhecida no mundo inteiro graças ao diário que ela escreveu para escapar do tédio do confinamento. Por meio dele, temos acesso aos sentimentos mais profundos da garota que, presa por tanto tempo em um pequeno abrigo com outras sete pessoas, ainda se revela uma jovem engraçada, sensível e cheia de esperança.

O

O

ISBN 978-85-8286-336-7

9 788582 863367

nemo

a n e x o :

notas do diário de 12 de junho de 1942 a 1o de agosto de 1944

m 1942, Anne Frank, uma garota judia de apenas 13 anos, é forçada a se esconder com a família diante das constantes ameaças dos nazistas. Em seu diário, ela narra a própria história, privada do mundo exterior, enquanto sonha em ter sua liberdade de volta. Abaladas pelos horrores da guerra, a garota e sua família lidam com diversas limitações, vivendo com o medo constante de serem descobertas. Anne Frank não conquista a tão sonhada liberdade, mas sua história sobrevive com muita força 70 anos após sua morte. Esta é uma adaptação em quadrinhos dos textos originais, sem cortes ou alterações, escritos por Anne Frank.


Copyright © 2017 Mirella Spinelli Copyright © 2017 Editora Nemo Adaptado da obra O anexo: notas do diário de 12 de junho de 1942 a 1º de agosto de 1944 (Título original: Het Achterhuis Dagboekbrieven 12 Juni 1942 – 1 Augustus 1944) Esta é uma adaptação em quadrinhos dos textos originais, sem cortes ou alterações, escritos por Anne Frank. Todos os direitos reservados à Editora Nemo. Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida, seja por meios mecânicos, eletrônicos, seja via cópia xerográfica, sem a autorização prévia da Editora.

gerente editorial

Arnaud Vin editores assistentes

Carol Christo Eduardo Soares assistente editorial

Jim Anotsu revisão

Renata Silveira capa

Diogo Droschi miolo

Carol Oliveira Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil

Frank, Anne, 1929-1945. O diário de Anne Frank em quadrinhos / texto original Anne Frank ; roteiro e ilustração Mirella Spinelli. – 1. ed. – São Paulo : Nemo, 2017. ISBN: 978-85-8286-336-7 1. Frank, Anne, 1929-1945 - Histórias em quadrinhos 2. Guerra Mundial, 1939-1945 - Judeus - Histórias em quadrinhos 3. Holocausto judeu (1939-1945) - Histórias em quadrinhos 4. Países Baixos - História - Ocupação alemã, 1940-1945 Histórias em quadrinhos I. Spinelli, Mirella. II. Título.

16-07627CDD-741.5 Índices para catálogo sistemático: 1. Crianças judias : Holocausto judeu : Histórias em quadrinhos 741.5

A NEMO É UMA EDITORA DO GRUPO AUTÊNTICA

São Paulo Av. Paulista, 2.073, Conjunto Nacional, Horsa I, 23º andar, Conj. 2301 Cerqueira César . 01311-940 São Paulo . SP Tel.: (55 11) 3034 4468

Belo Horizonte Rua Carlos Turner, 420 Silveira . 31140-520 Belo Horizonte . MG Tel.: (55 31) 3465 4500

Rio de Janeiro Rua Debret, 23, sala 401 Centro . 20030-080 Rio de Janeiro . RJ Tel.: (55 21) 3179 1975


Mirella Spinelli

O

d i A´ r i o

d e

anne Frank EM QUADRINHOS

O

A N E X O :

notas do diĂĄrio de 12 de junho de 1942 a 1o de agosto de 1944


DOMINGO , 14 DE JUNHO DE 1942

Meu diário, vou começar do dia em que ganhei você, na sexta-feira , 1 2 de junho.

Acordei às 6 h, o que não é de espantar , afinal, era meu aniversário.

...tive que controlar minha curiosidade...

Como não me pemitem levantar a essa hora... Quando não consegui mais esperar , fui até a sala de jantar.

7

...até 6 h45.


Ganhei uma blusa azul , uma garrafa de suco de uva , que imagino ter um gosto parecido com o de vinho...

...2,50 florins e um vale para dois livros. Um quebra-cabeça , um pote de creme para o corpo e um monte de outras coisas. Tudo de papai e mamãe.

Depois , Hanneli chegou e fomos juntas para a escola.

E uma carta da vovó, que chegou na hora certa! Claro que isso foi só uma coincidência. 8


Por ser meu aniversário , eu pude escolher o que jogaríamos na hora do recreio.

PARABÉ

:

Estas eram minhas melhores amigas

NS PRA VOCÊ...

EU SANNE

e agora ela é minha Mas quando mudei de colégio , conheci Jacqueline van Maarsen ,

JACQ

UE

VAN LINE

MAAR

SEN

melhor amiga.

9

HANNELI


Minha festa de aniversário foi no domingo à tarde , e papai projetou um filme do Rin-Tin-Tin. Meus colegas de escola adoraram!

COMO SERIA MARAVILHOSO TER UM CACHORRO COMO RIN-TIN-TIN...

Eu também o chamaria de Rin-Tin-Tin e o levaria para a escola comigo.

10


Mas o que isso importa? Eu quero escrever e, mais que isso , colocar para fora todos os pensamentos que estão no meu coração. Mais tarde , será que alguém se interessará em ler os pensamentos de uma menina de 13 anos?

Escrever um diário é uma experiência muito estranha para mim , porque nunca fiz isso antes.

Não quero anotar uma série de fatos sem importância , como a maioria das pessoas faz em seus diários.

Quero que este diário seja minha melhor amiga , por isso vou chamá-lo de Kitty! 11


editoranemo.com.br facebook.com/nemoeditora twitter.com/editoranemo


O Diário de Anne Frank