Issuu on Google+

Ano VI - nº 54 - Fevereiro 2014 Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Pta., Guarulhos, Itatiba, Jarinu, Joanópolis, Mairiporã, Nazaré Paulista e Piracaia

Distribuição g r Pegue seu ex atuit a. empla ! r

Entre nós Dia Internacional da Mulher

Mulheres em Destaque Elas estão no comando

No Divã com Drª Regiane Glashan Mulheres que marcam a nossa vida

Conheça seus direitos União Estável ou Casamento Civil?

Sua Imagem Cuide de sua imagem profissional

SuperBonita Maquiagem Definitiva

Café com

em Atibaia, 07 de Março


fevereiro 2014

Entre nós Este ano decidimos antecipar a edição do Dia internacional da Mulher, já que o Carnaval acontecerá exatamente na mesma semana, e estou segura de que a garota Globeleza terá certa vantagem sobre nossa data.

Temos muito a conquistar. Muito! Mas seguiremos firmes e fortes até que homens e mulheres possam seguir lado a lado, ombro a ombro, como pares complementares

Venha! Participe! Você é minha convidada especial. Ops, já ia esquecendo de avisar que na mesma data comemoraremos 6 anos da FolhaMulher.

Aliás, aproveito para perguntar: Por que a mulher está incluída no termo “diversidade”? Por acaso existe alguém que não tenha nascido de uma mulher? O que há de diverso, de diferente na existência da mulher no ciclo social humano? Parece-me que tudo o que existe, no tocante ao desenvolvimento

Se concorda ou não com meu ponto de vista e quer compartilhar sua opinião comigo, escreva para carla@folhamulher.com.br Carla Moreno

Distribuição em bancas, comércios e condomínios da Região. Mais de 150 pontos em Atibaia Banca 3 irmãos 97469-9389

Banca Pio XII Atibaia (11) 4402-3906

Banca José Alvim

Banca do Marcelo em frente à Casas Bahia Atibaia (11) 4411-7186 Banca Supermercado Convém Atibaia

Temos muito a conquistar. Muito! Mas seguiremos firmes e fortes até que homens e mulheres possam seguir lado a lado, ombro a ombro, como pares complementares. Ilusão? Não, estou segura de que chegaremos lá. E por falar em seguir adiante, dia 07 de março, FolhaMulher receberá, no Atibaia Residence Hotel, a Rede Mulher Empreendedora para um café da manhã com empresárias e empreendedoras de Atibaia e região. Tudo sem custo, oferecido para você, leitora, que assim como nós, deseja sempre mais.

Como já escrevi em edições anteriores, ainda há pouco para comemorar em relação às conquistas das mulheres. Infelizmente, por mais que nos organizemos, que haja legislação e que tenhamos a impressão de que tudo vai muito bem, a realidade mostra que tudo não passa de belos discursos no palanque do respeito à diversidade, mas na prática os homens seguem na liderança das oportunidades, das leis e das decisões.

Atibaia (11) 4402-3253

da sociedade humana, veio de um homem e de uma mulher. Certo? Neste caso, sendo incluídas no termo “diversidade”, somos discriminadas.

Banca Estância Jardim do Lago (11) 4034-1897 Centro (11) 2277-1450 Jardim Europa (11) 2473-5872

Parceiros

Atibaia (11) 4411-1708 Banca do Zequinha Atibaia (11) 4411-2708

Bragança Paulista

Posto Balneário Atibaia 4411-1279 / 4411-0528

Nazaré Paulista

Mairiporã

CDA Atibaia (11) 4402-7575

Piracaia

Banca da Praça Bom Jesus dos Perdões

Expediente Diretora: Carla Moreno, Jornalista Responsável: Ricardo Panessa - MTB 15.225. O FolhaMulher adota o acordo ortográfico de 2009. DISTRIBUIÇÃO GRATUITA E DIRIGIDA. Circula nas cidades de: Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Pta, Guarulhos, Itatiba, Jarinu, Joanópolis, Mairiporã, Nazaré Pta e Piracaia. O FolhaMulher é propriedade de C. Ceballos Moreno Edições - ME. Os conteúdos apresentados são de exclusiva responsabilidade de seus idealizadores. Contatos: (011) 98450-0121(TIM) | (011) 95303-1221(VIVO) | (011) 4413-4089(FIXO). Email: contato@folhamulher.com.br Website - desenvolvimento e hospedagem: www.lojasvirtuais.net – tel.: 97377-1777. Diagramação - www.andrebets.com.br

www.folhamulher.com.br

imagem: www.shutterstock.com

Dia Internacional da Mulher - 6 anos da FolhaMulher em Atibaia e Região


fevereiro 2014

Mulheres em Destaque

imagens: http://photodune.net

Elas estão no comando Segundo o SEBRAE, 52% dos empreendedores com menos de três anos e meio de atividade são do sexo feminino. As mulheres estão comandando a abertura de novos negócios no País. Dados revelados pelo SEBRAE, a partir da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), mostram que 52% dos novos empreendedores são mulheres. A força empreendedora feminina é maioria em quatro das cinco regiões brasileiras. Apenas no Nordeste elas ainda não ultrapassaram os homens, mas estão quase lá, com aproximadamente 49% de participação entre os novos empresários. “A cada ano, o perfil do empreendedor brasileiro se torna mais feminino e mais escolarizado”, destaca o presidente do SEBRAE, Luiz Barretto. “As mulheres estão investindo em qualificação, buscam acesso às informações, não permitem amadorismo”, afirma Barretto. Prova disso é o índice de escolaridade: 49% dos donos de novos negócios – em que as mulheres são maioria – têm, pelo menos, o Ensino Médio completo. Já entre os donos de negócios estabelecidos (com mais de três anos e meio de atividade), – em que os homens são maioria – esse índice é de 41%.

A força empreendedora feminina é maioria em quatro das cinco regiões brasileiras

A pesquisa GEM mostrou, ainda, que 66% das mulheres iniciam uma empresa após identificar uma oportunidade de mercado. “As mulheres estão deixando de empreender apenas para complementar a renda da família ou por um passatempo”, reforça o presidente do SEBRAE. Mesmo em um cenário praticamente de pleno emprego, em todas as regiões do País a maioria das mulheres que conduzem suas

próprias empresas são movidas pela oportunidade e não pela falta de alternativas. Boa parte desse resultado pode ser creditado à força do mercado interno brasileiro, fortalecido pela expansão da classe média. Mas, o fator determinante para o aumento do número de mulheres que empreendem é a flexibilidade para administrar o próprio tempo: gerenciar a própria empresa permite que elas consigam dividir o trabalho com outras atividades da vida familiar. “Isso não quer dizer que elas trabalhem menos, mas ganham autonomia para escolher seus horários”, completa Barretto. A pesquisa GEM, uma iniciativa da London Business School e Babson College, é feita em 68 países. No Brasil, ela é patrocinada pelo SEBRAE e realizada pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV). Foram entrevistadas 10 mil pessoas de 18 a 64 anos, de todas as regiões, e 85 especialistas em empreendedorismo. Entre os ouvidos pela GEM estão desde pessoas que estão se preparando para iniciar um empreendimento até os que já estão estabelecidos no mercado.

CAFÉ COM A

Fonte: http://www.sebrae-rs.com.br

EM ATIBAIA

Venha conhecer o universo do empreendedorismo feminino

Dia 7 de março das 9h às 12h • Pitch - uma apresentação rápida e eficiente do seu negócio • Finanças femininas - controle as contas da sua empresa

• Network - você faz? • Superação - ela chegou lá!!!

ENTRADA FRANCA Realização:

Apoio:

s

no

6a

Local: Atibaia Residence Hotel - Al. Lucas Nogueira Garcez, 4746 - Atibaia/SP Informações: contato@folhamulher.com.br | (11) 98450-0121 | 95303-1221

Inscrições: facebook//carlamorenno/eventos


fevereiro 2014

Resposta à Leitora Cultivar uma boa relação consigo mesmo A maneira como nós nos enxergamos determina a nossa percepção dos outros e do mundo no qual vivemos

imagem: www.istockphoto.com

As relações com os outros não são fáceis, e a relação consigo mesmo também não. As atitudes para conosco talvez sejam as mais importantes e fundamentais que existem. A maneira como nós nos enxergamos determina a nossa percepção dos outros e do mundo no qual vivemos. Ela também condiciona a maneira como os outros nos enxergam. Portanto, é essencial desenvolver e manter uma atitude mental positiva com relação a nós mesmos. A postura a nosso respeito é o resultado da soma de todos os pensamentos que reunimos sobre nós, desde o nosso nascimento até o dia de hoje. O nosso corpo é o companheiro mais fiel. Não podemos viver sem os outros: pais, filhos, amigos, mas também não podemos viver bem sem uma boa relação com o nosso corpo. Se realmente quiser, o único companheiro que nunca o deixará na mão é você mesmo. Ser autônomo é ser o seu próprio apoio. Aprenda a se amar! Já foi escrito: “Ame o próximo como a si mesmo”. O fim desta frase, que as pessoas responsáveis pela nossa educação frequentemente ocultam, pode induzir a um desequilíbrio afetivo e levar à dependência. Nós não podemos amar e sermos amados sinceramente, se não gostarmos de nós mesmos. A aceitação incondicional de si reside no fato de conservar a

autoestima mesmo quando você tiver cometido erros. É este posicionamento correto que permite eliminar vergonha, complexos, desvalorizações e culpas que atrapalham o seu crescimento. Comportar-se de modo responsável significa reconhecer a realidade dos seus erros para tirar deles todas as lições possíveis. Conclusão Para amar melhor os outros, precisamos acabar com a nossa dependência em relação às opiniões alheias. Devemos parar de ter medo, de dar-lhes o poder de fazer com que nos sintamos bem ou mal. O negócio é amar a si mesmo para amar melhor os outros. Não temos o poder de mudar o mundo e nem os outros, podemos apenas mudar a nós mesmos. E o fascinante é que, se você decidir mudar a si mesmo (a), não há nada que possa impedi-lo (a). É uma decisão sua e, se você quiser concretizá-la, será perfeitamente capaz.

Fernanda Nogueira Tanos CRP / 78.527 Psicóloga e Neuropsicóloga. Formação em Terapia Comportamental Cognitiva (crianças, adolescentes e adultos). Avaliação neuropsicológica em crianças e adolescentes e especialista em Orientação Vocacional. Atendimento em novo endereço: Espaço Vivato Rua Adolfo André, 443 - Centro Atibaia - tel.: 2427-7862/99111-2963 Clínica SUG Perdões - tel: 11 4012-7755/11 99534-2231


fevereiro 2014

Movimento e Saúde

imagem: divulgação

Exercícios físicos na gestação e pós-parto A gravidez parece o momento perfeito para ficar sentada e relaxar. Você vai ficar cansada, com dores nas costas e seus tornozelos vão inchar. Mas saiba que os exercícios físicos ajudam a diminuir todos estes sintomas, e vão deixá-la com mais disposição e saúde para este momento tão especial. O médico deve ser consultado sobre a decisão de realizar exercícios, pois existem restrições absolutas e relativas à sua prática. Confira o posicionamento oficial da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte para os exercícios físicos na gestação e pós-parto: “A atividade física na gestação é recomendada na total ausência de qualquer anormalidade, mediante avaliação médica especializada. As contraindicações absolutas são o sangramento uterino de qualquer causa, placentação baixa, trabalho de parto pré-termo, retardo de crescimento intrauterino, sinais de insuficiência placentária, rotura prematura de membranas e a incompetência istmo cervical. Durante uma gestação normal, quem já praticava exercícios pode continuar a fazê-lo, adequando a prescrição à gestação. Os objetivos da prática de atividade física em gestantes são: a manutenção da aptidão física e da saúde, a diminuição de sintomas gravídicos, o melhor

A atividade física na gestação é recomendada na total ausência de qualquer anormalidade, mediante avaliação médica especializada

É muito importante que você tenha a orientação de um profissional qualificado que irá orientá-la durante os treinos, no controle da intensidade dos exercícios, batimentos cardíacos, amplitude dos movimentos, conforme seu histórico de saúde, nível de aptidão física e período gestacional. Fonte: Posicionamento oficial da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte: atividade física e saúde na mulher. Tatiana Taniguchi CREF. 22.778 G/SP Coordenadora técnica do Taniguchi Studio, Educadora física formada e pós-graduada em “Atividade física para grupos especiais e saúde”pela FMU. Possui

formação

completa

em

Pilates (Mat e Studio) e Pilates para Populações Especiais (ISP-Injuries and Special Populations) todos no

controle ponderal, a diminuição da tensão no parto, e uma recuperação no pós-parto imediato mais rápida. Outros benefícios da atividade física na gestante são o auxílio no retorno venoso prevenindo o aparecimento de varizes em membros inferiores e a melhora nas condições de irrigação da placenta.”

método STOTT PILATES®- Canadá, certificação em treinamento funcional pelo Core 360º, kettlebell training e levantamento de peso olímpico. Certificada internacionalmente em Total Barre®, Mentorship de linhas funcionais (Cooper Institute), FMS™ (Functional Movement Systems), Zumba Fitness®, TRX™ Suspension Training, TRX™ Rip Training e pela Aquatic Exercise Association (AEA).


fevereiro 2014

Nursing at Home

Nesta edição, quero dividir com você, leitora, minha alegria ao ler, no site G1, sobre uma pesquisa realizada pela PayScale - empresa norte-americana de recursos humanos - onde os profissionais de enfermagem foram apontados como os trabalhadores que mais acreditam que seu trabalho esteja construindo um mundo melhor.

...ao lidar com um paciente, criamos vínculos de amizade, solidariedade e, principalmente, de compaixão. Acredito que este seja o maior diferencial desta extraordinária área da saúde que é a enfermagem

“Segundo levantamento do Payscale, 85% das pessoas formadas em Enfermagem, nos EUA, acreditam que o tempo que dedicam ao expediente pode tornar o mundo melhor” – site G1 – São Paulo. Embora a pesquisa se refira aos profissionais

um paciente, criamos vínculos de amizade, solidariedade e, principalmente, de compaixão. Acredito que este seja o maior diferencial desta extraordinária área da saúde que é a enfermagem. A capacidade de colocar-se no lugar do outro e oferecer-lhe o melhor em cuidados e atenção é o motor de nossa profissão, por isso concordo plenamente que a enfermagem pode mudar o mundo através do exemplo concreto do serviço aplicado ao bem-estar, da dedicação à saúde física, mental e emocional de outros seres humanos. Fonte:

http://g1.globo.com/concursos-e-emprego/

norte-americanos, fico muito à vontade para afirmar que

noticia/2013/09/enfermagem-lidera-ranking-de-carreiras-que-

esse é o espírito que nos move. Ser um profissional de en-

podem-mudar-o-mundo.html

fermagem é lidar diretamente com a vida e com a morte. Recebemos a vida em nossas mãos ao nascer de uma

Dra Maria Silvia de Andrade Rosa Longo é Enfermeira formada pela USP, pós-graduada em Administração Hospitalar, Saúde Pública e Acreditação, Qualidade e Certificação dos Serviços de Saúde. COREN SP 26-148 Sócia-gerente da empresa de cuidados domiciliares Nursing at Home.

criança; promovemos os cuidados necessários para que a saúde de um adulto se restabeleça o mais rápido possível e cuidamos da vida que se despede em um ancião, e que, muitas vezes, parte em nossas mãos. Nosso trabalho vai muito além dos cuidados físicos e é, em si, muito transformador, pois ao lidar com

Centro Radiológico Atibaia Av. Dr. Zeferino Alves do Amaral, 188 Centro - Atibaia/SP

Exames: Radiologia Digital Densitometria Óssea Mamografia Digital Ultrassonografia Geral

Tomografia Computadorizada Exames Cardiológicos Ultrasson 4D Espirometria Eletroencefalograma

Tel: (11) - 4411. 8585

Responsável Técnico: Dra. Maisa Montanari De Martino - CRM: 89412 | cratibaia@terra.com.br | www.cratibaia.com.br

imagens: http://photodune.net

Por um mundo melhor


fevereiro 2014

Tricotando no Divã com Drª Regiane Mulheres que marcam a nossa vida Estamos prestes a brindar o Dia Internacional da Mulher. Conquistas e lutas sempre fizeram parte de nosso gênero. De repente me bateu uma grande nostalgia e fiquei pensando sobre as grandes mulheres que eu tive a oportunidade de conhecer e que influenciaram minha vida e minhas escolhas. Confesso que foram muitas, mas algumas, à sua maneira, foram especiais. Claro que não poderia deixar de aclamar minha mãe, uma mulher de vanguarda, antenada com os acontecimentos ao seu redor e que, acima de tudo, acreditava que para se inserir no mundo e mudá-lo, o estudo era o principal passaporte. O tempo me apresentou grandes figuras femininas. Não me esqueço da docente de enfermagem, Drª Rosa Aparecida Pimenta – enfermeira de mão cheia. Um ser humano voltado para a humanidade. Com ela aprendi a me colocar no lugar do outro e tentar aliviar seu desconforto e sofrimento, acolher com carinho e cuidar com respeito. Cito a pesquisadora Drª Yara Michelacci, grande biologista molecular, de repercussão internacional. Com ela aprendi a respeitar e me curvar diante da “bancada” de pesquisa. Ela encarava o laboratório como um santuário de conhecimento e divulgação de ideias. Nossa! Lembro-me de prontidão e com muita alegria da Drª Amélia Vasconcelos – psiquiatra infantil e psicoterapeuta. Vocês acreditam que essa senhora de mais de 80 anos ainda clinica e leciona? Drª Amélia teve a

oportunidade, durante um congresso em Londres, na década de 60, de sentar-se ao lado e trocar algumas figurinhas com DW Winnicott (referência mundial em psicoterapia infantil). Até hoje ela conta histórias fantásticas sobre o desenvolvimento da psicoterapia no Brasil. Viajando pelo túnel do tempo, acabo de me lembrar de outra grande mulher, Drª Marluce Muniz, psiquiatra infantil e brilhante terapeuta familiar, que pegou em minhas mãos inúmeras vezes, embalou meus sentimentos e me conduziu a escolhas que mudaram a minha vida. Estou vendo um filme passar diante de meus olhos. Quantas mulheres fortes, altivas, audaciosas e competentes estiveram ao meu lado. Acabei de lembrar-me de mais uma. Como dizia Dr. Ricardo Sesso, grande epidemiologista brasileiro, “essa mulher é porreta”. Drª Ângela Herrera é uma eterna defensora e divulgadora da terapia familiar como forma de entendimento das relações e de mudanças humanas. Percebi agora que não tenho mais tanto espaço e preciso ser breve. Entretanto não posso deixar de mencionar Quicuie Kawakami, mulher lutadora e uma das fundadoras do Hospital Novo Atibaia, enfermeira e primeira docente do Curso Técnico de Enfermagem de nossa cidade, bem como a Drª Lucila Hashimoto, pediatra, grande entusiasta e lutadora das causas sociais de Atibaia. Que mulheres! O Jornal FolhaMulher me ofereceu uma oportunidade maravilhosa. Fazer uma viagem ao passado e confrontá-lo com meu presente foi um verdadeiro deleite!

Dra. Regiane Glashan COREN-31970 Graduada em Enfermagem pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP); • Especializações: Terapeuta Breve Referencial Psicanalítico de Adulto (Cefas) Terapeuta Bebê, Criança e Adolescente (IPPIA); • Especialista em Terapia Familiar Sistêmica e Casal (VinculoVida); • Mestre e Doutora em Biologia Molecular (UNIFESP) Pós-doutora em Fisiologia (UNIFESP); • Aprimoramento em Reabilitação (University of Pittsburgh); • Habilitação em Saúde Pública pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP); • Habilitação em Terapias Complementares; • Publicações em revistas e livros científicos e não científicos nacionais e internacionais; • Professora Universidade Federal São Paulo (UNIFESP/EPM); Contato: terapeutadebebes@gmail.com tel.: 99933 7938 http://familiaecasal.blogspot.com.br www.terapeutadebebes.com.br Facebook/terapeutabebes Atendimento: Atibaia e São Paulo


fevereiro 2014

Conheça Seus Direitos União Estável ou Casamento Civil? Escolha afeta divisão da herança! Os dois institutos são parecidos em alguns aspectos, mas guardam entre eles muitas diferenças. CASAMENTO É o vínculo jurídico legal entre homem e mulher e que visa o auxílio mútuo material e espiritual, de modo que haja uma integração fisiopsíquica e a constituição de uma família legítima com base na igualdade de direitos e deveres. Portanto, o matrimônio não é apenas a formalização ou legalização da união sexual, mas a conjunção de matéria e espírito de dois seres de sexos diferentes para atingirem a plenitude do desenvolvimento de sua personalidade, através do companheirismo e do amor. Uma das diferenças entre o casamento e a união estável é que o casamento altera o estado civil da pessoa (de solteira para casada, de casada para viúva, emancipa o menor). A pessoa somente muda o seu estado civil quando há um evento público, como o nascimento de um bebê e o estado de viúvo, com evento morte e ao se separar. O estado civil de casado é adquirido apenas após o casamento civil. Não se pode atribuir um estado civil a uma relação que não tem uma formalidade, que tem como deveres: a fidelidade recíproca, vida comum que se resume no dever de coabitação, mútua assistência (moral e material/sustento), sustento, guarda e educação dos filhos, respeito e considerações mútuas. Observa-se uma variedade no que se refere ao regime de bens a ser adotado pelo casal (Regime da comunhão parcial/regime legal; Regime de comunhão universal; regime de participação final nos aquestros; regime de separação de bens). Tanto o casamento civil como a união estável são considerados entidade familiar, conforme o artigo 226 da Constituição Federal. Assim, elas têm o mesmo status e uma relação é tão importante quanto à outra. Porém, na parte de como se forma, como se extingue e nos efeitos após a morte, é quando existem diferenças. Veja a seguir como funciona em cada um dos casos: Casamento: é formalizado por meio de uma celebração realizada por um juiz de paz ou de direito. Depois o casamento vai para o registro civil de onde sai uma certidão. Antes disso, os nubentes precisam se habilitar para o casamento em razão do grande interesse que o Estado tem no casamento. Ele disciplina minuciosamente seus pressupostos e formalidades, bem como todos os aspectos de sua celebração. Com o fim de verificar se os nubentes estão aptos a casar, mormente quanto à existência ou não, de qualquer impedimento matrimonial, o Estado estabeleceu rigoroso processo de habilitação.

União estável: é a relação entre um homem e uma mulher que passam a viver juntos com o objetivo de constituir família. Essa relação se caracteriza também por ser pública, contínua e duradoura. São livres os companheiros ou conviventes para estabelecerem, por meio de contrato escrito, o que lhes aprouver sobre o regime de bens, desde que essas regras não contrariem disposições absolutas da Lei – art. 1.655 CC. Na falta de um pacto, situação que diria ser a regra, aplica-se as relações patrimoniais no que couber, o regime da comunhão parcial de bens, consoante norma expressa do art. 1.725 do CC. Apenas a título de curiosidade, interessante mencionar o art. 1.727 do CC que diferencia União estável de Concubinato (este último refere-se a pessoas impedidas de casar). Sendo assim, a norma encontra-se em harmonia com o preceito constitucional do art. 226, parágrafo 3º e do art. 1.726, que fala na facilitação da conversão da União estável em Casamento, o que é impossível para os impedidos de casar. As relações pessoais entre os companheiros obedecerão aos deveres de lealdade, respeito e assistência mútua, e de guarda, sustento e educação dos filhos. Outra diferença entre esses institutos é que apenas no casamento os noivos podem mudar o nome, podendo hoje o homem casado acrescentar ao seu nome o sobrenome de sua esposa. Extinção No caso do divórcio de um casal sem filhos menores, e existindo um acordo entre as partes, poderá o divórcio ser feito por escritura pública num tabelionato de notas, com a presença de um advogado de confiança do casal. Se o casal tiver filhos menores, ele tem de ser extinto perante o Poder Judiciário, na presença de um juiz de direito (em todos os estados), pois o Ministério Público precisa atuar para garantir os direitos dos menores. No caso da união estável, as pessoas deixam de morar juntas e extingue-se o instituto. Só é necessário provar que, nos planos dos fatos, não existe mais a união. Algumas formas de provar são por meio do contrato de locação que estava no nome dos dois e, agora, está no nome de um, a conta conjunta que não existe mais e, principalmente, com testemunhas, que é a mais usada. Nos dois casos, os efeitos são os mesmos para ambas as entidades familiares. Tanto no casamento como na união estável os dois têm direito à pensão alimentícia, por exemplo. Efeitos após a morte Uma das maiores discussões sobre as diferenças

entre o casamento e a união estável, está no fato da dissolução por morte de uma das pessoas que forma o casal, é a questão da partilha da herança. Conforme o artigo 1.790 do Código Civil: “A companheira ou o companheiro participará da sucessão do outro, quanto aos bens adquiridos onerosamente na vigência da união estável [...]”. Ou seja, o (a) companheiro (a) terá parte na herança dos bens comuns comprados durante a união, mas não dos bens particulares, adquiridos pelo companheiro (a) antes do casamento. Além disso, os companheiros não são considerados herdeiros necessários (aquele que não pode ser retirado do limite da chamada cota disponível). Por exemplo, uma pessoa casada não pode dispor em testamento mais do que 50% do que é seu, porque o cônjuge tem direito como se fosse filho”. Por isso, no caso da união estável, a pessoa tem direito aos bens, se não houver um testamento que tire os direitos sucessórios. O Código Civil trata o (a) cônjuge de um jeito e o companheiro (a) de outro quando o assunto se refere à herança. Por fim, deferir mesmo tratamento ao do casamento à união estável fere a vontade das partes que a contraem: se preferiram a união estável ao casamento, obviamente nunca pensaram sobre o fato ou simplesmente não desejam atribuir ao companheiro os direitos que a lei confere ao cônjuge. Aqueles que não possuem impedimento para o casamento, podem contrair núpcias, conferindo todos os efeitos sociais e sucessórios inerentes à condição do status de cônjuge, desde que assim desejem. Ou optar pela união estável, com seus efeitos legais e próprios desse instituto. A jurisprudência caminha no sentido de pacificar a isonomia entre tais institutos. Ousa-se afirmar que constituirá franca violação ao exercício da autonomia privada das partes envolvidas no processo, ao livre arbítrio e à liberdade de exercer escolhas conscientes, todos os direitos garantidos pela Constituição, lei maior do nosso país. Dra Lia Marcia Schuindt Giglio Silva

OAB/SP 204.817 Advogada Titular do escritório R&G Advocacia. Pós-graduada em Previdência Social pela Escola Paulista de Direito Social. Especialista em Direito de Família e Sucessões. Colunista do Portal da Educação. 4217-1109 / 2427-5333 / 99182-9989


fevereiro 2014

Decoração Tapetes exclusivos e personalizados imagens: divulgação

Eles são importantes para dar aconchego e acabamento à decoração, os tapetes são cada vez mais sofisticados e agora podem ser confeccionados de acordo com o seu desejo, como em uma composição artesanal única e exclusiva. Isso mesmo, você escolhe desde o tamanho das tiras até o tipo de material e trama a ser utilizada. Essa novidade permite total liberdade na criação de peças exclusivas, deixando os ambientes ainda mais contemporâneos, arrojados, modernos e aconchegantes. E o melhor, tudo a preços acessíveis. Entre as possibilidades, há o tapete feito no tear que pode ter até 4m e permite diversos tipos de acabamento. As fibras podem ser naturais e sintéticas, e a variedade de opções e combinações é imensa. São coleções com mais de 50 tipos de tramas e texturas, além da possibilidade de mudança de cores e fios. Caso haja alguma dúvida, podemos ainda colocar uma ideia no simulador de ambientes que apresentará algumas opções.

M www.mgiftdecor.com.br

Venha conhecer esta novidade na M Gift Decor e escolha o tapete ideal para sua casa.

Mércia Daher é Designer especialista em ambientação de interiores. Participa das principais feiras mundiais de decoração e atende em sua loja M Gift Decor, em Atibaia. mgift@mgiftdecor.com.br www.mgiftdecor.com.br

Rua Alfredo Andre, 593 - Vila Maria | Atibaia - Sao Paulo - (11) 4413-5099 / 4412-0086


fevereiro 2014

Comportamento Como os pais podem ajudar seu filho a se adaptar na nova escola As escolas transformam-se em um território desconhecido para as crianças, no início do ano escolar. Os alunos precisarão adaptar-se aos horários, regras, rotina, novos professores e novos amigos. Tanta novidade pode tornar o novo ambiente num cenário assustador, capaz até mesmo de criar pânico. No entanto, os pais podem desempenhar um papel importante, nesta fase, amenizando o medo, para que seu (sua) filho (a) enfrente com mais segurança a nova etapa. As queixas mais frequentes são sobre os novos professores e o lugar estranho. Por isso é de suma importância os pais demonstrarem a confiança que depositam na nova escola e que eles acreditam ser a melhor escolha que fizeram para ele. Devem também explicar aos pequenos que alguns sentimentos, neste momento de transição, são normais, e que eles conseguirão superar. Os pequeninos têm menos recursos emocionais para mudanças, porque tudo que é diferente e acontece longe dos pais, os deixam inseguros, diferente dos maiores, que têm percepção e maturidade para se adaptarem de maneira mais tranquila. Por isso o ideal é nunca fazer mudanças sem prepará-los. Se depois de dias ou semanas a criança continuar resistindo em frequentar as aulas, a presença dos pais na escola será necessária para uma conversa com a coordenação e pedir, sem aviso prévio, para ver o filho naquele momento, pois, muitas vezes, as crianças fantasiam ser maltratadas para chamarem a atenção dos pais. Se for manha da criança, ter uma conversa mais firme,

... é de suma importância os pais demonstrarem a confiança que depositam na nova escola e que eles acreditam ser a melhor escolha que fizeram para ele explicando que não é possível mudar de escola antes do meio ou do final do ano, em geral, resolve o problema, afinal depois de um certo tempo, as próprias crianças não querem mais mudar de escola, ou seja, acabam se adaptando. As dificuldades maiores são: falta de entrosamento com os novos colegas, adaptação a novas regras e espaço físico da escola e não conhecer os professores e funcionários. Os pais devem lidar com os problemas de adaptação orientando a criança da seguinte maneira: • Explicar que ir à escola é obrigatório por lei; • Deixá-la participar da escolha da nova escola faz com que se sinta participante, além de dar uma sensação de segurança, mas deixando claro que a decisão final sempre cabe aos pais; • Levá-la até o local antes do início das aulas para que ela conheça o ambiente e os professores, a fim de diminuir o impacto do primeiro dia de aula; • Em muitos casos são os pais que não se adaptam aos novos horários, lugares, normas e acabam transferindo isso

indiretamente aos filhos. Portanto, escolhida a escola não a critique na frente da criança; • Se depois de muita conversa, ainda houver manha, deixe claro que estará esperando por ela na hora da saída e trate a situação com naturalidade; • É importante os pais se atentarem a tudo que acontece com seu (sua) filho (a), sejam eles bebês, crianças ou adolescentes. Pouca vontade de ir à escola, reclamações, mau humor são sinais de que algo não vai bem na escola. Procure saber se não estão sendo vítima de bullying. Se a criança apresentar somatizações (febre, dor de barriga, dor de cabeça), já é o momento de procurar uma ajuda profissional. O mais importante de tudo é os pais mostrarem aos filhos que a vida é dinâmica.

Dra Débora Pereira de Barros (CRP 06/100461) Psicóloga Clínica. Terapia Comportamental Cognitiva (crianças / adolescentes / adultos). Mestre e Doutora em Avaliação Psicológica. Convênio com o Centro do Professorado Paulista (CPP), desconto para alunos da FAAT. Atendimento: Clínica Núcleo Libertas R. José Bonifácio, 889 Atibaia - Centro Fone (11) 4411-1033 (11) 97528-8115 E-mail: deborapereirabarros@gmail.com


fevereiro 2014

Moda

Sim, ele voltou com tudo e virou a febre da temporada. Seja de manga longa ou curta, o body é a cara do verão!!! O body já foi peça ícone em 1986, quando a estilista Donna Karan colocou o bodysuit em evidência dando uma repaginada na peça, e agora, a peça volta com tudo! Elegante, a tendência vai da praia, usada como maiô, até à balada ou barzinho, onde dá para combinar o body com shorts, saias e calças estilosas. Versátil e democrático, ele tem o poder de modelar o corpo. O body já tomou conta das passarelas e do guarda roupa de várias famosas por aí. A verdade é que existem diversos modelos de body, e o mais importante é encontrar o que favorece mais o seu tipo físico. EQUILÍBRIO SEMPRE É o jogo que sempre funciona na moda: justo em cima, folgado embaixo; folgado em cima, justo embaixo. Nunca tudo em uma proporção só. No caso do body, uma peça justa, dê preferência as peças mais folgadas na parte de baixo.

Looks Denize Wakaki - Moda Feminina.

imagens: divulgação

Body

Denize Wakaki Publicitária e Consultora de Moda Vendas de Roupas com Atendimento Exclusivo e Personalizado Tel. 011 99604-4653 denizewakakimodafeminina


fevereiro 2014

Sua Imagem Cuide de sua imagem profissional A cada texto que entrego, volto meu olhar para o

tem noção dos limites sociais. Ele age como uma pequena

cotidiano em busca de um novo tema. Como o universo

criança mimada, querendo que suas vontades sejam aten-

conspira a nosso favor, sempre encontro um texto, uma

didas. Alguns literalmente “chamam” até que você atenda.

fala, uma solicitação ou dúvida de alguém para me direcio-

E essa analogia vai longe. Por mais que já se tenha falado

nar e, porque não dizer, inspirar. Há um mês estou gestan-

sobre este assunto, vale a pena ressaltar algumas regras da

do o tema “smartphones”. Mas queria dividir com vocês um

boa convivência relacionadas ao trabalho:

pouco mais do que os benefícios de se possuir um, porque isto, a maioria de nós já experimentou.

• A empresa onde você trabalha tem regras sobre o uso do celular? Respeite-as!

Para minha surpresa, foram chegando informa-

• Se a empresa permitir que você atenda liga-

ções sob aspectos diferentes acerca do mesmo assunto. Uma

ções particulares em horário de trabalho, acredite, elas

delas afirmava que a conectividade permanente fragmenta

deverão se restringir àquelas de caráter de urgência. Use

a atenção e nos deixa estressados. Outra, que a constante

seu horário de almoço para questões particulares de im-

alteração entre uma tarefa do dia e a tarefa causada pelo uso

portância questionável;

do celular faz-nos perder muito tempo, porque não existe

• Mantenha seu celular no silencioso durante o

a possibilidade de atividade paralela e simultânea, e ainda,

expediente. Toques sonoros, principalmente os de grande

que o uso excessivo da internet e dos dispositivos digitais

criatividade como: sua música preferida, choro de bebê,

móveis passam ser responsabilizados pelo aparecimento ou

assobios e outros, dizem muito mais a seu respeito do que

pelo agravamento de algumas doenças.

você possa imaginar;

Embora algumas informações possam parecer radicais, o fato de termos este assunto como tema em tantas

• Se o contato é profissional, respeite o horário comercial, mesmo que seja só uma mensagem escrita;

mídias, já nos faz parar para refletir sobre o uso deste “quase

• Muita atenção na forma de comunicação. Por mais

imprescindível aparelho de comunicação”. E em se tratan-

simples que seja enviar um “sms” ou alguma outra comuni-

do de imagem profissional, como o uso desta tecnologia tão

cação escrita, não se esqueça de que continua sendo uma

presente em nossas vidas nos afeta?

comunicação de cunho profissional. Poderá ser impressa ou

Temos que começar entendendo que o celular não

reenviada para outros profissionais. É documento;

• Muitas vezes os assuntos podem tomar proporções desastrosas se ouvidos por pessoas erradas. Privacidade, nestes casos, é palavra de ordem. E jamais fale alto ao celular; • Cuidado com as postagens nas mídias sociais. Não caia na tentação de fazê-las em horário de trabalho. Pior ainda é escrever algo de pejorativo sobre ele; Poderia descrever inúmeras outras regras a serem seguidas, porém, vamos nos voltar mais diretamente para a questão da nossa imagem. Estaria eu cedendo aos caprichos do imediatismo, muitas vezes desnecessários, sugeridos pelo aparelho? Se eu pudesse me assistir como a um filme, algo do tipo “Um dia na vida do meu Smartphone”, aprovaria minha performance? Cuidar da imagem profissional é um exercício que exige dedicação e constância. Fiquemos atentas, porque ainda não inventaram nenhum aplicativo para celular que dê conta disto. Valeria Oliveira é Consultora de Imagem Pessoal e Corporativa formada por Ilana Berenholc Consultoria de Imagem e Style Works of Union Square Inc - NY. É vice-presidente da AICI - Chapter Brazil (Associação Internacional dos Consultores de Imagem). Contato: valeria.consultoria@uol.com.br


fevereiro 2014

Nutrição 10 alimentos para mulheres que malham Quer potencializar sua malhação com alimentos mais adequados? Estas dicas são para mulheres que se dedicam a assegurar, com uma dieta saudável e um plano de exercício físico regular, o seu bem-estar físico e mental. Bananas - devido à sua boa fonte de minerais, como o potássio, uma banana é o alimento perfeito para aumentar energia e reduzir a fadiga, pois contém vitaminas do complexo B e potássio que aliviam as cãibras musculares; Frutas vermelhas - estão entre os 20 alimentos mais ricos em antioxidantes, uma mão cheia de mirtilos, jabuticabas, framboesas e amoras, que melhoram a circulação sanguínea, e protegem o organismo contra as eventuais lesões que possam advir da prática de exercício físico. Quanto mais escuros forem os frutos, mais saudáveis; Beterraba - aumenta ao fluxo sanguíneo e oxigenação dos tecidos por conta dos nitratos que a mesma possui promovendo assim o aumento de massa muscular; Laranja - uma única laranja de tamanho médio contém a dose diária de vitamina C recomendada

para as mulheres. Contribui para a reparação do tecido muscular e potencializa a produção de colágeno; Cenoura - as cenouras são compostas por grandes quantidades de hidratos de carbono complexos que, além de fornecerem energia aos músculos, também liberam o potássio necessário para controlar a pressão arterial e as contrações musculares; Batata doce - uma batata doce cozida confere uma fonte de carboidratos e fibras que mantêm o açúcar no sangue equilibrado e colabora com a manutenção da massa magra; Castanhas - fornecem uma força extra na hora de correr mais um quilômetro ou fazer mais cem abdominais. Mas, cuidado, uma porção pequena é o suficiente; Cereais integrais - uma taça de cereais com iogurte desnatado é a melhor aposta, porque contém proteínas que fortalecem os músculos e hidratos de carbono complexos que potenciam a sua resistência e performance; Ovos - fonte de proteínas e vitaminas e mineral, as gemas contêm colesterol – necessário para equilibrar a função hormonal e promover energia cerebral;

Sardinha - um dos alimentos mais saudáveis que vocêpode dar ao seu coração. Estudos recentes sugerem que as gorduras poliinsaturadas, fontes de ômega 3, encontradas na sardinha, podem contribuir para a redução do perímetro abdominal. Além de barato, é de fácil acesso. Fonte: modificado e adaptado de entremulheres.pt e Ludmila P. P. Soldi

Dra Ludmila Pustejovsky P. Soldi Nutricionista - CRN 17919 Pós-graduada em Nutrição Clínica Funcional 2007 UNIBAN/VP; Pósgraduada em Medicina Bioquímica e prática Ortomolecular pela Faculdade de Ciências da Saúde de São Paulo/ FAPES 2012; Pós-graduanda em Nutrição Ortomolecular com extensão em Nutrigenômica FAPES/2012.


fevereiro 2014

Estética Criolipólise – Redução de gordura em uma única sessão O tratamento vem fazendo tanto sucesso que está sendo chamado de “a nova lipoaspiração”, mas que diferentemente desse método, a Criolipólise não é um procedimento cirúrgico

imagens: divulgação

Sabe aquela gordurinha localizada que não sai mesmo frequentando academia? Pois é, a Criolipólise vai acabar de vez com ela. Desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, a Criolipólise usa baixas temperaturas para acabar de vez com a gordura localizada. O aparelho é colocado na superfície da pele, fazendo as células de gordura serem congeladas a temperaturas negativas para serem destruídas.

Resultado Entre duas e quatro semanas aparecem os primeiros resultados, porém as células de gordura continuam a ser eliminadas por até dois meses após o procedimento, dependendo do organismo de cada paciente. É recomendado que se façam sessões de drenagem linfática para agilizar os resultados.

Dermatologistas da Sociedade Brasileira de Dermatologia explicam que, em contato com a baixa temperatura, as células de gordura - chamadas de adipócitos - se rompem totalmente. Em consequência, o corpo entende que elas não fazem mais parte do organismo e as expele naturalmente. O tratamento vem fazendo tanto sucesso que está sendo chamado de “a nova lipoaspiração”, mas que diferentemente desse método, a Criolipólise não é um procedimento cirúrgico. Várias pessoas famosas já experimentaram e aprovaram esta nova técnica, entre elas a apresentadora Eliana, Claudia Raia, Dani Bolina, Viviane Araújo entre

outras. Mas a Criolipólise não é sucesso apenas entre as mulheres, os homens também estão aderindo a este método rápido e seguro de eliminar a gordura localizada. Como age? O aparelho é acoplado sobre uma manta umedecida de glicerina para proteger a pele, inicia a sucção da gordura local, após completar esse ciclo o aparelho começa a resfriar a região até uma temperatura entre -5°C e -10°C e permanece assim por até 50 minutos, quando a gordura então é cristalizada, as células adiposas morrem, e o organismo começa a eliminar toda essa célula através do sistema linfático.

Onde encontrar? O Zen Terapias traz, com exclusividade, para Atibaia mais este sucesso da medicina estética. Agende uma avaliação gratuita e saiba mais (011) 98797-7564. Sergio Ricardo Fisioterapeuta graduado pela Universidade Nove de Julho. Pós-graduado em Osteopatia e Terapias Manuais pela Universidade Gama Filho. Especializado em Pré e Pós-cirúrgico (ortopédico e cirurgia plástica). www.zenterapiasatibaia.blogspot.com.br


fevereiro 2014

DisciPlena Regando atitudes, colhendo realizações Aproximando-se o Dia Internacional da

para dar frutos, afinal, os frutos e plantas não são iguais.

esse processo, a maneira como ele acontece com cada

Mulher, venho propor uma reflexão: Como você en-

Enfim, na natureza e em tudo que conhecemos, é preciso

uma e colabora para que, individualmente, as partici-

cara seus objetivos? Se for como 97% da população,

que se tenha paciência para colhermos os frutos.

pantes encontrem caminhos mais viáveis de “regar”

é bem provável que deseje grandemente que algumas

Com os projetos e mudanças necessários em

coisas mudem, porém coloca 1% do seu foco nesta

nossa vida é igual. Não dá pra ficar “sarado” fazendo

mudança, já que esta requer disciplina, dedicação

academia uma vez por semana e sem associar à ati-

Estou à sua disposição para esclarecer dúvidas

e muitas superações. Na primeira dificuldade, essa

vidade física uma alimentação saudável; não se pode

sobre o treinamento e avaliarmos, juntas, se realmen-

mesma porcentagem tende a diminuir.

seus projetos de uma forma efetiva e, assim, alcançarem um a um com elevado grau de realização.

ter sucesso em um projeto sem, diariamente, regá-lo

te ele pode te ajudar a plantar e colher o que você de-

Na vida, assim como na natureza, há o tempo

com atitudes e comportamentos alinhados a ele que

seja, mas não consegue sozinha.

de plantar e de colher. Se pensarmos em como funcio-

permitirão torná-lo realidade; não dá pra ser feliz sem

na o sistema ao nosso redor, compreenderemos que

o tempo de se conhecer o suficiente, sem regar em si

Um forte abraço.

nada acontece de um dia para o outro.

mesmo pensamentos e sentimentos que nos tornam,

Até a próxima!

Em geral, demoramos nove meses para nosso

dia a dia, a pessoa que queremos ser.

desenvolvimento a ponto de formar - de maneira per-

Todo e qualquer objetivo - menor ou maior

feita - cada órgão, o formato do nosso rosto e mem-

- exige tempo, paciência e disciplina. Portanto,

bros. Antes disso, somos um projeto ainda sem forma.

o segredo é não desistir na primeira dificuldade.

Quando já criança, demoramos alguns meses,

Questione-se: o que está faltando fazer para que eu al-

ou anos, para nos desenvolvermos o suficiente e sermos

cance meu objetivo, meus sonhos? O que devo “regar”

capazes de ficar em pé. Depois vamos à escola, mas preci-

diariamente, para que esse objetivo dê frutos?

samos de um tempo para aprendermos a ler, escrever etc.

O DisciPlena, como o próprio nome diz, auxi-

Uma semente plantada hoje, na natureza, pre-

lia mulheres de todas as idades a viverem mais plenas

cisará ser regada diariamente, ou no tempo necessário

de si, estimula as mesmas a compreenderem melhor

Thais Fiorellini é formada em Personal e Professional Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching, com ampla experiência e conhecimento em práticas naturais. Naturóloga de formação utiliza, no DisciPlena, técnicas como Aromaterapia e Florais de Bach e Fitoterapia na otimização dos resultados. Fone: 11 99688 2930 Email: Thaisf.coach@gmail.com


fevereiro 2014

SuperBonita Para mulheres que apresentam pequenos defeitos na pele, falhas nas sobrancelhas ou simplesmente desejam estar com a aparência sempre saudável e natural, a micropigmentação, também conhecida como maquiagem definitiva, é uma ótima solução. Muito utilizada nas sobrancelhas, responsáveis pela moldura do rosto, a micropigmentação corrige falhas e define contornos, podendo ser usada ainda nos lábios e nos olhos.

Outro cuidado imprescindível é a escolha dos pigmentos. Estes devem ser de primeiríssima qualidade, pois, caso contrário, podem desbotar, assumindo tons de azul, no caso do pigmento preto, e de laranja, no pigmento vermelho.

A técnica é similar a de uma tatuagem, porém as tintas e agulhas são menos agressivas A técnica é similar a de uma tatuagem, porém as tintas e agulhas são menos agressivas e, como em toda a técnica de beleza, deve ser aplicada por um profissional qualificado e treinado que, primeiramente, fará o contorno com a ajuda de um lápis para que haja uma aprovação da cliente, e então iniciar a técnica. Ressaltamos que é de profunda importância verificar a experiência e os resultados obtidos em aplicações anteriores pelo profissional escolhido. Estamos falando de uma técnica definitiva.

Bete Bontorím Cabeleireira, 27 anos de profissão. Especialista em alongamento, profissional formada pela Great Lengths com licença para trabalhar em Atibaia, além de colorista e maquiadora. Mariah Primo é esteticista, maquiadora, designer e especialista em micropigmentação de sobrancelhas. Ambas atendem no espaço de beleza MARIAH. Av. Lucas Nogueira Garcez, 2872 - Atibaia 4412-7707

imagem: divulgação

Maquiagem Definitiva


Chegou Vivo Internet Box.

A banda larga para sua casa que chega aonde as outras não chegam.

69

R$

a partir de

,90 /por mês

no plano Vivo Internet Box 6GB • Maior cobertura 3G e 4G do Brasil. • Melhor recepção e estabilidade de sinal. • Acesso Wi-Fi para conectar seu notebook e tablet. • Até 10X mais velocidade.

Passe na Loja autorizada Vivo - Rua José Alvim, 137 - Calçadão Atibaia e aproveite esta oferta ou acesse vivo.com.br/vivointernetbox.

4412-8038 e 4418-2211

Foco plano 6 GB com chamada para o 3G Plus: TL 3G PLUS: Oferta válida para adesões de 09/12/2013 a 28/02/2014. Valores com tributos e sujeitos a alterações seguindo a legislação vigente. Sujeito a análise de crédito. Maior cobertura 3G em número de municípios cobertos, conforme teleco.com.br em 01/08/2013. O aparelho Vivo Box deve ser adquirido pelo cliente. O cliente pode conectar até 32 aparelhos com Wi-Fi. O 3G Plus está disponível para os planos Vivo Internet Box 2GB, Vivo Internet Box 6GB, Vivo Internet Box 12GB, Vivo Internet Box 20GB e Vivo Internet Box 40GB. A velocidade de referência do 3G Plus, para download, é de 1,5Mbps, para upload é 150Kbps. Após atingido o volume de dados da franquia, o acesso será bloqueado, sendo restabelecido no ciclo de faturamento seguinte. A velocidade de transmissão de dados em internet móvel pode variar, entre outros motivos, por fenômenos naturais, deslocamento e distância da Estação Rádio Base e picos de tráfego. Os megabytes (MB) concedidos em um mês não são cumulativos. Consulte mais informações sobre os preços do serviço e do aparelho, plano e área de cobertura do serviço 3G da Vivo em www.vivo.com.br. SAC: ligue 1058. Pessoas com necessidades especiais de fala/audição, acesso pelo 142. Imagem ilustrativa.



Fev 2014 folhamulher