Page 1

ASSINANTE - VENDA PROIBIDA

Sul Fluminense, sábado, 10 de março de 2018 Ano 24 • Edição nº 8653

Presidente: Aurélio José Fernandes de Paiva

diariodovale.com.br | Preço: R$ 1,50

Unimed Nacional ou Rede D’Or podem assumir Hospital da CSN Juiz nomeia administrador para gerenciar transição do Vita, sem prejudicar os pacientes Paulo Dimas

O prédio do Hospital Vita na Vila Santa Cecília pode passar a ser ocupado, em breve, pela Unimed Nacional ou pela Rede D’Or. Os dois grupos estão em negociações avançadas com a CSN, que deve anunciar em breve quem vai utilizar o prédio. As

conversações podem acelerar depois que a Justiça determinou, anteontem, que um administrador judicial apresente, em 20 dias, um plano de desocupação g radativa do prédio, que não prejudique os pacientes. 

ESPECIAL | Página 3

RJ-163

Defesa Civil instala bloqueios de concreto na altura da Capelinha A Defesa Civil instalou ontem bloqueios fixos de concreto na RJ-163, após a localidade de Capelinha, e também no alto da serra, na altura da torre de transmissão. A medida visa impedir a circulação de veículos na rodovia, no trecho compreendido entre Capeli-

Com tempo: Juiz decidiu que Grupo Vita vai entregar prédio de hospital de forma que não gere prejuízo a pacientes

nha e Visconde de Mauá. A medida foi tomada após laudo do Departamento de Recursos Minerais do Estado do Rio (DRM), que considerou que a estrada ainda corre riscos de deslizamentos de encostas e desabamentos de partes da pista. 

CIDADES | Página 6

TAÇA RIO

Bope apreende armas e prende três homens em Angra dos Reis Cedida pela PM

Voltaço vende ingressos para jogo com Botafogo O Volta Redonda tem uma missão complicada neste domingo, quando vai encarar o Botafogo, às 17 h, no Estádio da Cidadania Raulino de Oliveira. Precisando vencer desesperadamente, a equipe espera contar com apoio de sua torcida. Os ingressos fo-

ram colocados a venda ontem pela diretoria e podem ser comprados ao longo do sábado em diversos pontos da cidade. O Botafogo, que luta para se classificar às semifinais, também quer vencer para assegurar a vaga. 

ESPORTES | Página 10

VOLTA REDONDA

Clínica de Diálise em VR começa a atender pacientes Gabriel Borges – Secom/VR

Pronta: Samuca Silva e equipe da Secretaria de Saúde visitam Clínica de Diálise, no bairro Retiro O prefeito Samuca Silva pio, cujos critérios estão (Podemos) visitou ontem a sendo avaliados pelos proClínica de Diálise de Volta fissionais de saúde. “Sem Redonda, que começou a dúvida está é uma das maiatender os pacientes. A uni- ores realizações do meu godade, no bairro Retiro, já verno, pois estamos atenconta com 130 pacientes, dendo pessoas que sofrem mas tem capacidade para diariamente com viagens 192 pessoas em tratamento. para tratamento fora de doA prioridade, no entanto, micílio”, ressaltou o prefeinesta primeira seleção, é to.  CIDADES | Página 5 para moradores do municí-

Brasil teme guerra comercial após Trump taxar a importação do aço Pesado: Material apreendido com trio é levado para a delegacia pelo Bope Policiais militares do Bope (Batalhão de Operações Especiais) voltaram a fazer uma operação em Ang ra dos Reis.

Eles retor naram ao Belém, onde em janeiro mataram cinco suspeitos de tráfico. Desta vez prenderam três pessoas.

To d o s e s t av a m e m u m ve í c u l o , o n d e t i n h a m três pistolas e uma esping arda calibre 12. Os PMs também encontra-

ram várias munições, além de um rádio transmissor. 

POLÍCIA | Página 4

O secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, disse ontem que o gover no vê com preocupação a decisão dos Estados Unidos de criar uma barreira à importação do aço brasileiro.

Na quinta (8), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, oficializou o aumento das tarifas de importação para 25% para o aço e 10% para o alumínio. 

NACIONAL | Página 7


2 DIÁRIO DO VALE

OPINIÃO



SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

MOSAICO

ARTIGO

Ficou pior José Maurício de Barcellos

Sinto-me envergonhado quando lembro que nos últimos 30 anos o Brasil padeceu sob o governo de pessoas que, diretamente e por vias transversas, levaram esta terra até a triste e dolorosa situação em que se encontra. Isto porque uma coisa hoje em dia já resulta incontestável: apenas o progresso natural (inercial), ou seja, aquilo que aconteceria de qualquer jeito em razão do avanço da conjuntura mundial, da evolução da sociedade e decorrente do crescimento populacional levou o País adiante, mas a vida e, sobretudo a qualidade de vida de nossa gente, piorou de um modo geral e pouco ou nada fizemos para evitar isto. Nem sempre isso fica claro, pois o sistema e o stablishment que o sustenta escondem, camuflam e disfarçam esta verdade, mas é essa a percepção de qualquer homem de bem desta Nação. No que tange ao que o Estado deve ao cidadão, tínhamos mais e melhor. Na saúde, por exemplo, os hospitais, os postos de atendimentos e outros estabelecimentos públicos, ainda que poucos porque em número proporcional ao tamanho da população eram muito melhores e mais eficientes. É claro que outrora não possuíamos a descomunal rede de hospitais shows ou de sofisticadas clínicas de tratamentos, todas tão impessoais, frias e mercenárias, quantos os respectivos achaques que sofrem seus pacientes. Entretanto, tirante o que resultou do avanço da medicina, o povo tinha a sua disposição quando adoecia no mínimo um atendimento menos agressivo, mais humano e reconfortante. Do Presidente da República ao mais humilde cidadão todos acabavam nos hospitais públicos, pelos quais a sociedade nutria uma confiança referencial. Perdemos muito e acabamos à mercê dos planos “papa doente”. Na educação, na segurança e quanto ao elevado custo que por elas pagamos a perda foi grande e somente uma pequenina parcela de nossa gente registrou um ganho efetivo, porque tudo pode pagar regiamente com o que rouba e usurpa

dos cofres públicos ou acompanhar os que concom que arranca do suor trariaram alguns líderes desta pobre gente brasi- e ideólogos do movimento leira. Na era em que as revolucionário, sustentanescolas públicas tinham do uma vivência antiga: tudo de melhor para edu- com bandidos não se cação do povo porque os transige, não se dá as coscolégios particulares tas porque o único negóeram, com raríssimas ex- cio que se pode fazer com ceções, ridicularizados um facínora é facilitar como “estabelecimentos para que ele o esfaqueie PP - pagou, passou”; na pelas costas. Fomos apuépoca em que nas cida- nhalados. Toda a Nação des grandes o guarda no- foi traiçoeiramente aputurno ou a dupla de poli- nhalada. Toda sociedade ciais militares, carinho- vem sangrando ao longo samente chamadas de das últimas décadas. “Cosme e Damião”, eram Tudo deu no que deu. suficientes o bastante A verdade surgiu inepara que as famílias cir- vitável e hoje não há um culassem e só cidadão dor missem do bem que em paz; no deixe de tempo em identificar Quando foi que que um deas origens e le gado ou passamos a conviver, as causas um sargento de nosso sem nada objetar, da guarda caos moral local e mais e social. com essa gente um cabo era Contudo podre que tomou tudo que se ponderem. p r e c i s av a este País de assalto? De que serpara garanvem todos tir a lei e a esses exemordem nas plos do cidades do interior, sem mau que nos transpassa, dúvida também os res- se vamos continuar conponsáveis por servir ao sentindo em sua permapúblico eram muito mais nência? honestos, honrados e paE pouco se me dá triotas. quem me tem como um Quando foi que perde- ranheta incansável, mas mos tudo isso? Quando vou repetir. Atenção! O foi que renunciamos à circo dos poderosos está nossa cidadania? Quando montado com um picadeifoi que passamos a convi- ro nacional bem preparaver, sem nada objetar, do para o grande espetácom essa gente podre que culo de ilusionismo de tomou este País de assal- outubro de 2018. Nas filas to? Quando foi que, ino- de entrada e nas plateias bstante os graves sinto- está o povão, pronto e mas desta doença social predisposto para aplaudir que “metastesiou” esta o engodo. Nos bastidores, Terra de Santa Cruz, pre- escondidos por de trás ferimos ignorar a malei- das lonas e cortinas ou ta? no palco distraindo o Pois bem, eu digo “distinto público” trabaquando foi. Tudo isso teve lham os donos da bilheteorigem quando o movi- ria, seus apresentadores e mento cívico militar de artistas, encarregados de 1964, ingenuamente acre- promover a farsa encenaditando da como denuma classe mocracia. política sórVe j a m dida e abjecomo essa Recuso-me a aceitar ta, já devigente caque o Brasil esteja damente colhorda se optada pela fadado a um destino movimenta esquerda no cenário. tão pequeno e tão torpe e deTem cacil i n q u e n t e, sem perspectiva. Me que político se permitiu que posa de indigna admitir que transigir socialista com patifes, este povo não queira emérito – o ladrões, termaior resse libertar de seus roristas, e ponsável aproveitadopelo desasalgozes res covardes tre chama– os mesdo Lula – se mos que dafazendo de qui fugiram como ratos bonzinho, de conciliador de um navio que afunda de magnânimo para não ao ver soçobrar sua tra- perder seus privilégios e ma macabra de “comuni- evitar que seus asseclas zar” o País – para afinal os percam igualmente. abraçá-los como irmãos. Tem destrambelhado boEu e muitos que já tí- quirroto vindo do Norte nhamos a ventura (ou a com fama de traidor conmaldição) de enxergar tumaz, ávido pelos despoadiante, hoje não temos jos do petismo. Tem, em remorsos porque não síntese uma horda de poaceitamos a ideia ou com líticos espertos manoa mesma nos conforma- brando de toda sorte para mos, muito pelo contrá- permanecerem onde esrio, àquela nos opusemos tão apesar do desprezo e firmemente. Era muito jo- do enojo do povo em relavem na época, mas ousei ção a sua classe.

Marcello Russo é pré-candidato a deputado estadual Os farsantes não estão em grande número, mas podem muito. Trago para reflexão o fato no sentido de que, dentre mais de 20 ou 30 colunistas e articulistas que compõem a nova equipe de comentaristas de um dos maiores jor nais do País, não encontrei um só que registre ou que aborde a possibilidade de o povo romper com essa desprezível classe política de a a z ou que cobre a responsabilidade dos príncipes e mandarins dos três poderes da República, pela debacle que vitimou quase 20 milhões de brasileiros. A elite cantante dos dias atuais, de qualquer corrente ou ideologia, parte do pressuposto que tudo é admissível, desde que todos permaneçam em seus lugares. Pode vir quem quer que seja, mas os conglomerados de comunicação não podem perder as verbas do nosso bom e generoso BNDES ou os dinheiros da propaganda oficial. Pode-se eleger quem quer venha indicado pelas famigeradas agremiações políticas, desde que este não mexa nesta máquina pública corrupta e ineficiente. Admitem um governante qualquer, porém o eleito não deve nem cogitar de algo que inverta a ordem vigente, dando ao povo algum direito que seria integralmente pago pelos mais abastados ou outra qualquer coisa neste sentido. Recuso-me a aceitar que o Brasil esteja fadado a um destino tão pequeno e tão sem perspectiva. Me indigna admitir que este povo não queira se libertar de seus algozes. Afronta-me o comodismo dos covardes e a falta de brios dos segmentos mais esclarecidos da sociedade, aos quais o preço do desmando, da incompetência e da corrupção é enfiado goela abaixo. Um dia – meu Deus, um dia - essa situação tem que mudar e este povo exaurido, no exercício do poder direto que confere a Constituição, parte para cima de tudo e de todos que o escravizam, convocando para apoiá-lo na implementação das medidas profiláticas necessárias, a única instituição que ainda confia: As Forças Armadas. José Maurício de Barcellos, ex-Consultor Jurídico da CPRM-MME, é advogado. (Email: bppconsultores@uol.com.br).

O DIÁRIO DO VALE vai publicar alguns comentários feitos por internautas sobre reportagens publicadas no site do jornal. Por questão de espaço, nem todos os comentários serão publicados e alguns podem ser resumidos. A redação pode sofrer algumas mudanças para adequar o 'estilo internet' a uma publicação impressa. Cartas para o jornal podem ser enviados por e-mail para cartas@diariodovale.com.br e também através do site, na seção "Fale Conosco". O endereço do site do DIÁRIO DO VALE é www.diariodovale.com.br

DIÁRIO DO VALE Diretor-Presidente: Aurélio José F. de Paiva Editora Chefe: Sônia Paes Avenida Nossa Senhora do Amparo, nº 160, loja 1 - Niterói Volta Redonda - RJ - Cep 27283-370 - Tel: (24) 3212-1812 - 3347-4477



Redação: redacao@diariodovale.com.br  Departamento Comercial: comercial@diariodovale.com.br  Departamento de assinatura: assinatura@diariodovale.com.br



Departamento de arte: composicao@diariodovale.com.br  Esporte: esporte@diariodovale.com.br  Caderno Lazer & Cia: lazer@diariodovale.com.br ○

Fundado em 5 de outubro de 1992

CNPJ: 39.555.503/0001-69



A reunião aconteceu no sábado (3), no Rio de Janeiro, através de convite feito pelo vereador Monteiro (PRB), de Barra do Piraí. 

Marcello comenta que está muito feliz com o convite e explica que quer fazer parte da mudança que o país precisa.

Objetivo

Motivo

“Eu sempre pensei em fazer parte de um partido para poder participar de reuniões e discutir política, mas nunca imaginei ser pré-candidato a deputado estadual. Mas na atual conjuntura, onde se trata de mudança e renovação, eu acredito que é a hora de colocar candidatos com princípios e o meu objetivo é esse, fazer a mudança”, explicou no delegado.

De acordo com senador, a área escolhida foi saúde por ser a de maior necessidade em todos os municípios: “Estou visitando a região como um todo e vim conversar com o Prefeito. Emenda parlamentar é uma obrigação minha, então não estou fazendo nada além da minha função, mas eu destinei para a saúde de Itatiaia porque sei que em qualquer município essa é a área mais difícil e as que as pessoas mais precisam. É uma pequena contribuição, mas eu espero ajudar essa área que falta muito recurso. A emenda é para este ano e a partir de agora vamos colocar a equipe do Senado junto com a Prefeitura para agilizar a liberação e ter essa verba no município o mais rápido possível. Coloquei-me ainda a disposição do Dudu para ajudar no que for preciso com relação à migração da violência após a intervenção no Rio”, contou Lindberg.

Satisfeito O vereador Monteiro comenta que está muito feliz com a pré-candidatura de Marcello Russo: “Ele tem uma excelente conduta e eu acredito que a vinda dele para o PRB, veio para fortalecer a nossa legenda no Sul Fluminense e em todo estado do Rio de Janeiro”, explicou, ressaltando que o Delegado adjunto da 93ª Delegacia de Polícia, tem um potencial muito grande e que o partido está em festa com a sua chegada.

Visita A Prefeitura de Itatiaia recebeu na manhã desta sexta-feira (9) a visita do Senador Lindeberg Farias (PT). O senador cumpre agenda na região durante todo o dia e em Itatiaia participou de uma reunião com o Prefeito Eduardo Guedes, o Dudu, o vice Sebastião Mantovani, o Jabá, representantes do Legislativo Municipal, do secretariado municipal e do Partido dos Trabalhadores do município.

Emenda Dentre os assuntos tratados está à queda da arrecadação e intervenção militar no Estado, a reforma da previdência e a destinação de R$ 100 mil por meio de emenda parlamentar para a saúde da cidade.

Ambulâncias O prefeito de Barra Mansa Rodrigo Drable e o secretário de Saúde Sérgio Gomes entregaram na manhã desta sexta-feira, dia 9, quatro novas ambulâncias que representam a renovação da frota da rede pública de saúde de Barra Mansa. Uma ambulância atenderá o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e as outras três serão da Central de Ambulâncias.

Economia Segundo o prefeito, o aluguel das novas ambulâncias representa uma economia de R$ 270 mil ao ano através de um contrato eficiente e transparente. “As ambulâncias da frota antiga custavam R$ 56,6 mil ao mês e agora custam R$ 34,1 mil, uma economia significativa e muito importante cujo dinheiro poderá ser investido em outras áreas da saúde municipal”, enfatizou.

Comemora “Todo recurso destinado para a saúde do município é muito bem-vindo e com certeza será muito bem investido. Ontem recebemos uma UTI Móvel da Hyundai e estamos trabalhando na regulação do estado para que consigamos vaga no setor público. Nosso objetivo é dar para a população a saúde que nossos pacientes precisam e merecem”, comentou Dudu.

Veículos Os veículos da marca Mercedes-Benz, modelo Sprinter 415 CDI 0 km, foram equipados para servirem de ambulâncias para o atendimento de rotina, emergência e a transferência de pacientes fora da cidade, além do Samu. O secretário Sérgio Gomes destacou que a renovação das ambulâncias significa maior agilidade para os pacientes.

Redação, Comercial, Administração e Assinaturas Avenida Nossa Senhora do Amparo, nº 160, loja 1 - Niterói - Volta Redonda - RJ Cep 27283-370

FALE COM O DIÁRIO

EMPRESA JORNALÍSTICA DIÁRIO DO VALE LTDA.

O PRB lançou a pré-candidatura do delegado-adjunto da 93ª Delegacia de Polícia de Volta Redonda, Marcello Russo, a deputado estadual.

Tel: (24) 3347-4477 - 98156-2843 Whatsapp para envio de matérias: (24) 99818-3199 Gráfica: Rua Geraldo Di Biase (ou Rua Governador Luiz Monteiro Portela), 485 Aterrado - Volta Redonda - Cep 27.213-080 - Tel: (24) 3346-2275 O noticiário nacional é fornecido pelas agências Folha e Lance Exemplares atrasados - Solicitar através do telefone (24) 3347-4477 DIARIO ONLINE | www.diariodovale.com.br SITE ATIVO DESDE 1996

© Copyright 2014 Empresa Jornalística Diário do Vale Ltda. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo do Diário do Vale em quaisquer meios de comunicação, eletrônicos ou impressos, assim como em sites comerciais, sem a autorização por escrito do detentor dos direitos autorais. A proibição se aplica tanto ao conteúdo da edição impressa, quanto da edição online do Diário do Vale. É permitido, porém, o uso de links direcionados ao site do Diário do Vale ou a páginas do seu conteúdo.


DIÁRIO DO VALE 3

POLÍTICA

SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018



Unimed Nacional ou Rede D’Or podem assumir prédio do hospital da CSN Bradesco Saúde apoia Companhia no processo; Justiça aceitou despejo do Grupo Vita, mas de forma gradativa e que não prejudique pacientes Paulo Dimas

Volta Redonda O juiz da 4ª Vara Cível de Volta Redonda, Roberto Henrique dos Reis, aceitou o pedido de despejo pela CSN contra o Hospital Vita, de for ma gradativa. Em vinte dias o administrador judicial nomeado apresentará um plano de desocupação dos leitos, priorizando o interesse dos pacientes. O prédio pertence à CSN, que já pedia judicialmente a devolução desde 2014. De acordo com infor mações obtidas pelo DIÁRIO DO VALE, a CSN está em negociações avançadas com a Unimed Nacional e a Rede D’Or e estaria para anunciar em breve o nome do sucessor do Vita. A empresa está exigindo, segundo o jornal apurou, que o atendimento a ser prestado pelo grupo que substituirá o Vita seja de melhor nível do que o que está sendo oferecido pelo grupo atual. Segundo a mesma fonte, o Bradesco Saúde, titular do atendimento ao plano de saúde dos empregados da Companhia, está assessorando a siderúrgica no processo de escolha da nova empresa. O DIÁRIO DO VALE também apurou que o Hospital Vita não pretende se opor à transferência da operação para outro grupo. Duas empresas, aliás, já teriam demonstrado interesse no negócio e pretendem se reunir com a CSN para tratar do assunto. O Bradesco Saúde já ampliou a quantidade de procedimentos que podem ser realizados no Hinja, incluindo internação, exames e cirurgias, para criar alternativas de atendimento aos empregados da Companhia. Parte do atendimento também será transferida para o Hospital da Unimed.

Prazos A Companhia queria que o Vita desocupasse o imóvel em 15 dias, pois o tempo médio de internação no Hospital Vita é de 8 dias, portanto, os pacientes

teriam alta nesse prazo, e os pacientes de internação longa seriam absorvidos pelo Hospital da Unimed e oferecida a internação domiciliar aos casos cabíveis. A ordem judicial, no entanto, afirma que a questão é complexa e deixa de estabelecer um prazo para a desocupação, definindo, em vez disso, que um administrador judicial vai ser o responsável pela transição. Em vinte dias, o administrador judicial deverá apresentar um relatório preliminar sobre a situação.

A íntegra da decisão AUDIÊNCIA ESPECIAL Aos 8 de março de 2018, na sala de audiências deste Juízo, perante o MM. Juiz de Direito Dr. ROBERTO HENRIQUE DOS REIS, foi aberta a audiência às 14h. Feito o pregão, compareceram a requerente, representada por preposto, acompanhado pelo advogado, Dr. Matheus Barros Marzano, OAB/RJ 125.353, que requereu prazo para juntada da carta de preposição; e o requerido, representado por preposto, assistido por seu advogado, Dr. Fábio mesquita Ribeiro, OAB/RJ 71.812. Em atendimento a requerimento da parte ré, pelo Juízo foi questionado à requerente sobre a possibilidade de continuidade do Hospital VITA no imóvel, ao que respondeu negativamente a CSN. Proposta a conciliação, foi a mesma rejeitada pelas partes, insistindo a CSN na desocupação do imóvel e recebimento dos créditos. Pela CSN foi requerida a oitiva do médico Eduardo, a fim de prestar informações sobre o impacto para desocupação do hospital, o que foi deferido pelo Juízo, tendo o médico coorporativo da CSN informado que seria possível a desocupação em 15 dias, pois o tempo médio de internação no Hospital VITA é de 8 dias, portanto, os pacientes teriam alta nesse prazo, e os pacientes de internação longa seriam absorvidos pelo Hospital da

UNIMED e oferecida a internação domiciliar aos casos cabíveis. Pelo Hospital VITA foi dito que o atendimento prestado pelo hospital não se limita ao convênio Saúde Bradesco que atende os funcionários da CSN, requerendo que a CSN providencie a remoção dos pacientes atendidos pelo seu convênio e seja concedido maior prazo ao VITA para remoção dos demais pacientes. Pelo Juízo foi questionado ao requerido sobre a existência de sublocação, ao que foi respondido que existe cessão onerosa de espaços para a cantina, laboratório e banco de sangue. Pelo MM. Dr. Juiz foi proferida a seguinte decisão: ´Defiro o prazo de cinco dias para juntada da carta de preposição pela requerente. Em relação aos E.D., como bem salientado pelo réu, houve perda do objeto, em relação à natureza do prazo de desocupação, pois já decorreu bem mais do que 15 (quinze) dias. Indefiro o requerimento da CSN de bloqueio dos créditos totais do VITA, a serem quitados pela Bradesco Seguros, porque quando do despejo haverá, ainda, crédito a ser recebido nos meses seguintes e a decisão proferida pelo TJ/ RJ é no sentido da retenção de 5% (cinco por cento) desses créditos, os quais não podem, em meu sentir, serem totalmente retidos, uma vez que, repito, são créditos por serviços executados durante a ocupação do imóvel, mas quitados com prazo de até 90 (noventa) dias e sobre eles incidirão os 5% (cinco por cento) de retenção já determinados em decisão do TJ/RJ, à qual estou vinculado.´. Pelo MM. Juiz foi dada à palavra ao administrador e suspensa a audiência por 30 minutos às 14:35, para que as partes tomassem ciência da proposta do administrador, sendo a audiência retomada às 14:59. Pelas partes foi dito que concordavam com a nomeação do administrador judicial. Pela CSN foi requerido o blo-

Decidido: Hospital Vita vai devolver imóvel à CSN de forma gradativa queio do ingresso de novos pacientes, a partir da apresentação do relatório preliminar, a ser apresentado pelo Administrador Judicial, bem como a transferência dos pacientes que não estejam em situação de urgência/emergência a partir desta data, requerendo ainda a imediata notificação dos sublocatários e prestadores de serviços à desocupação, bem como os convênios que possuem o hospital credenciado. Pelo VITA foi dito que a desocupação pelos terceiros deve observar o plano que o Administrador Judicial apresentar, tendo em vista sua necessidade enquanto existirem inter nações. O Hospital VITA autoriza, desde já, que o Administrador Judicial tenha acesso a todos os documentos e qualquer informação que se faça necessária diretamente com a direção do hospital. Pelo Administrador Judicial foi requerido o prazo de 20 dias para apresentação do rela-

tório preliminar com diagnóstico da situação e sua proposta de honorários. Pela CSN foi requerida a autorização para atuação de um assistente junto ao Administrador Judicial, ao que se manifestou contrariamente o Hospital VITA e o próprio Administrador Judicial, bem como a realização da comunicação aos funcionários e à população local da desmobilização do hospital. Pelo VITA foi dito que se opõe à comunicação para população em geral, não se opondo quanto aos funcionários da empresa. Pelo MM. Juiz de Direito foi proferida a seguinte decisão: ´A desocupação do imóvel, diante da complexidade do despejo, pelo tamanho e peculiaridades do réu, será feita através de um plano de transição e para tanto, nomeio como Administrador Judicial MVB CONSULTORES ASSOCIADOS e como profissional responsável o Dr. ANTONIO CESAR BOLLER

PINTO, inscrito na OAB/ RJ sob o nº 70.151 e no CPF/MF sob o nº 688.638.377-91, presente à audiência, pois já foi por mim avisado de que seus serviços seriam necessários. DEFIRO o pedido de comunicação aos funcionários da CSN e aposentados da CSN sobre a desmobilização do hospital pela CSN, até a vinda do relatório preliminar. DEFIRO o prazo de até 20 dias para que o Administrador Judicial apresente a proposta de honorários e relatório preliminar. A atuação do Administrador Judicial não inclui ingerência na parte financeira do réu, mas somente na parte administrativa e ligada à desocupação do imóvel. Os honorários do Administrador Judicial serão fixados após apresentação do relatório preliminar´. Nada mais havendo, foi encerrada a presente às 15h25min. Eu, AOV, matrícula 01/23.050, digitei, e eu ____, escrivão, subscrevo a presente.

Unimed-VR vai ampliar hospital Cooperativa vai ampliar oferta de apartamentos individuais e comprará novo equipamento de ressonância magnética Divulgação

Volta Redonda A Unimed de Volta Redonda (Unimed-VR) vai ampliar seu hospital próprio. A decisão foi tomada depois de proposta feita pela Diretoria Executiva da cooperativa médica e aprovada pelos conselhos técnico, administrativo e fiscal. A intenção é ampliar a oferta de apartamentos individuais para os clientes. Além desse investimento, a Unimed-VR também vai investir em um novo equipamento de ressonância magnética, que, segundo o presidente Luiz Paulo Tostes Coimbra, deve ser o mais moderno do Estado do Rio e um dos mais modernos do Brasil. No âmbito interno, a cooperativa decidiu investir em tecnologia da informação, principalmente em seu sistema de gestão empresarial, tanto da cooperativa com um todo quanto no sistema que controla o hospital. O presidente da UnimedVR, Luiz Paulo Tostes Coimbra, afir mou que os principais responsáveis pelos bons resultados que permitiram a decisão de fazer o investimento são os cooperados e os empregados da cooperativa. — É essencial que haja um compromisso dos coo-

perados com a prestação de serviços de qualidade, mas eles precisam da parceria dos empregados e prestadores de serviço para que o cliente seja bem atendido. E juntos conseguimos um excelente resultado. Tanto que, além dos números positivos conseguimos crescer na medida da satisfação dos clientes e na parceria com empregados e prestadores de serviço, já que nos mantemos entre as melhores empresas para se trabalhar no Brasil — disse Coimbra.

Resultado As decisões de investimento foram tomadas depois que a Unimed-VR obteve, em 2017, o melhor resultado de sua história. A cooperativa teve um crescimento de 13% na sua produção médica, passando de R$ 67.647.169 em 2016 para R$ 76.609.921 no ano passado. Depois que o capital social foi remunerado com R$ 3.447.740 e os cooperados receberam mais R$ 3.199225 de bonificação (crescimento de 43% sobre os R$ 2.240.107 do ano passado), R$ 16.380.740 ficaram à disposição da assembleia dos associados. Eles decidiram distribuir R$ 10.920.561 de acordo com a produtividade de cada cooperado.

O resultado financeiro da Cooperativa em 2017 foi de R$ 28.362.275 atendendo também às provisões técnicas e obrigatórias frente à ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), contingências jurídicas/fiscais e capital social. No mesmo ano, o médico cooperado da Unimed foi bonificado duas vezes, no valor total de R$ 3.199.225. A iniciativa faz parte de um projeto direcionado para o médico e que permite pagamento por sua atuação, considerando também indicadores trimestrais da Cooperativa. Em 2017, a Unimed Volta Redonda garantiu ainda dois reajustes de consulta médica e honorários aos cooperados. Se tratando de consulta, fechamos o ano com o valor de R$ 82. Comparando ao ano de 2016, o crescimento foi de 15%. Atualmente, a Cooperativa conta com 461 médicos cooperados e 1,2 mil colaboradores, movimentando a economia de toda região. “Foi um ano excepcional para a nossa Unimed. Reforçamos nossas competências e alcançamos reconhecimentos importantes no mercado de saúde. Conquistamos o melhor resultado financeiro dos últimos anos, bonificamos o cooperado duas vezes e o ganho médio dele cresceu 13%. A

valorização do trabalho médico sempre foi um compromisso da nossa gestão”, enfatizou Luiz Paulo.

Hospital Unimed e Pró Vida O saldo de 2017 também foi positivo para o Hospital Unimed Volta Redonda e Pró Vida (Unidade de Atenção à Saúde). No Hospital, foram realizados 1.084.504 atendimentos, sendo 9.416 cirurgias. O índice de satisfação do cliente atingiu 98%, na pesquisa de satisfação realizada pela Unidade Hospitalar. Já no Pró Vida foram mais de 120 mil atendimentos realizados. O Pró Vida presta serviços como gerenciamento de doenças crônicas, medicina hiperbárica, escola da coluna, sala de medicação, unidade de vacinação, entre outros. Além disso, são promovidos os programas Desenvolver – Puericultura, que acompanha crianças desde a gestação até a adolescência; Bem Viver e o Viva Mais, para o tratamento de pacientes crônicos.

Cooperados reelegem Luiz Paulo Os médicos cooperados da Unimed Volta Redonda elegeram no dia 01 de março a nova diretoria executiva da cooperativa. A chapa

Reeelito: Luiz Paulo Tostes Coimbra é reconduzido à presidência da Unimed-VR Inovação e Sustentabilida- dia, e contou com a presende, formada pelo atual pre- ça de 241 médicos cooperasidente, Luiz Paulo Tostes dos. Coimbra, vice-presidente, O presidente reeleito faVitório Moscon Puntel, e a lou sobre os cinco pilares diretora Elaine de Fatima que sustentarão a nova gesNogueira, foi eleita com tão: gerar trabalho e renda 90% dos votos. 75% dos co- para o cooperado, com susoperados participaram da tentabilidade; ser referência eleição. em saúde para região, por Os membros dos conse- meio de soluções inovadolhos de Administração, Fis- ras; transparência das incal e Técnico também fo- for mações e gover nança ram eleitos pelos 348 coope- corporativa; ambiente de rados que participaram da trabalho adequado, inveseleição. O resultado foi tindo na educação médica; anunciado durante a As- qualidade de vida dos coosembleia Geral Ordinária perados, oferecendo benefí(AGO), realizada no mesmo cios em saúde e bem-estar.


4 DIÁRIO DO VALE

POLÍCIA



SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

Polícia detém quatro jovens com drogas em Volta Redonda Suspeitos tentaram se esconder em uma casa, que foi cercada pelos policiais militares Divulgação

Volta Redonda

Mais presos

Policiais do 28º Batalhão da PM prenderam, na quinta-feira, dois jovens, de 18 anos, e aprenderam dois menores de 17, na Travessa Veneza, bairro Coqueiros, em Volta Redonda. Os agentes foram ao local apurar denúncia de tráfico de drogas. Os suspeitos, ao avistarem a aproximação da viatura da PM, correram e entraram numa casa. Três dos suspeitos foram encontrados na varanda do imóvel. Com eles, os PMs apreenderam R$ 190. O outro rapaz foi localizado dentro de um quarto da residência, onde foram encontrados uma base para rádio transmissor, 33 pinos de cocaína e 15 trouxinhas de maconha. Os quatro foram levados para a 93ª DP (Volta Redonda).

Policiais militares prenderam, também na noite de quinta-feira, dois jovens e apreenderam um menor, na Travessa Veneza, no bairro Vila Brasília. Com eles foram apreendidos 33 pinos de cocaína, 15 trouxinhas de maconha, três celulares, uma base carregadora de rádio transmissor e R$ 182. O delegado adjunto da 93ª DP (Volta Redonda), Marcello Russo, indiciou os dois maiores por tráfico de drogas e associação para tráfico. Já o menor passou a responder por ato infracional ao fato análogo ao tráfico de drogas.

Divididas: Drogas apreendidas com grupo no Coqueiros foram levadas para a delegacia

Morador de Porto Real tem carro roubado e pede ajuda

Bope volta a Angra, prende três e apreende armas Angra dos Reis Operação de policiais do Bope (Batalhão de Operações Especiais), no início da manhã desta sexta-feira (09), no bairro Belém, resultou na prisão de três pessoas. Elas estavam num Onix branco, placa BAR-8852, onde foram encontradas armas. Os agentes apreenderam uma pistola PT, calibre 9 milímetros, outra pistola, com numeração raspada, mais uma pistola, calibre 12, e várias munições, além de um rádio transmissor.

Bope em Angra As operações do Bope em Angra dos Reis são cada vez mais frequentes, desde que regiões da cidade se tornaram alvo de dispu-

ta entre as facções criminosas Comando Vermelho e Terceiro Comando Puro. Em uma delas, cinco suspeitos de tráfico morreram durante uma incursão no bairro Belém. Os policiais foram recebidos a tiros e entraram em confronto com traficantes. Três deles morreram no Hospital Geral da Japuiba, após terem sido baleados durante ação dos policiais, no dia 30 de janeiro. Outros dois corpos foram encontrados em uma rua do mesmo bairro, no dia seguinte. Em outra ação, dois suspeitos morreram em confronto com o Bope no bairro do Frade. Nas operações, foram apreendidos um fuzil Fal Nato, calibre 762; um fuzil calibre 566, com a numeração suprimida; ao menos quatro pistolas.

Dois jovens são flagrados com drogas em Barra do Piraí Barra do Piraí Um jovem de 22 e outro de 18 anos foram presos na quinta-feira, suspeitos de tráfico de drogas. Policiais militares viram quando os dois entraram num matagal, carregando uma bolsa, na Rua João Augusto Kelly, no bairro Química. Os agentes seguiram os jovens que foram abordados por eles. Com um dos

suspeitos, de 22 anos, foi encontrado um sacolés de cocaína, e com o outro comparsa, 15 sacolés da mesma droga. Os PMs apreenderam também a bolsa, que continha 86 sacolés de cocaína, 75 pinos da mesma droga e 24 tabletes de maconha. Os jovens foram levados para a 88º DP (Barra do Piraí) e indiciados por tráfico de drogas.

O morador de Porto Real Nivaldo da Silva, está à procura de seu carro que foi roubado na última segunda-feira (5), no túnel de Floriano, na Rodovia Presidente Dutra. Segundo ele, o carro estava sendo usado por um amigo, quando dois homens armados anunciaram o assalto e furtaram o veículo. O caso foi registrado na 90ª Delegacia Legal de Polícia Civil de Barra Mansa. - Meu amigo estava passando pelo túnel quando um Corsa vermelho de duas portas, fechou ele e logo anunciou o assalto. Um deles pegou o meu carro, da marca WV/Voyage, de cor bege, placa KYK 3791 e foi em direção a Resende. Peço que para quem achar ou tiver mais informações sobre ele, que entre em contato comigo ou com a minha esposa pelos telefones (24) 99813-3059 ou (24) 99856-2494 – disse.

Roubo: Carro foi furtado na Rodovia Presidente Dutra

Avô é preso por estuprar neta de 7 anos em Resende Resende Um homem de 50 anos foi preso, na última quintafeira (8), suspeito de ter estuprado a neta, quando a menina tinha sete anos. O crime foi registrado no dia 10 de fevereiro, em Resen-

de, no bairro Cidade Alegria. O suspeito foi levado para a delegacia, graças a um mandado de prisão expedido pela Justiça. Em seguida, ele foi levado para a Cadeia Pública de Volta Redonda.

EXTRAVIO DE DIPLOMA Cristina Lúcia Batista comunica que foi extraviado o seu diploma de curso técnico em segurança do trabalho, do Centro de formação profissional Bom Pastor, concluído no ano de 2008.

SERVIÇO DE OBRAS SOCIAIS - SOS/VR Rua Pompeu nº 235 - Voldac

EDITALDE CONVOCAÇÃO Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Energia Elétrica nos Municípios de Parati e Angra dos Reis stiepar@stiepar.org.br - CNPJ 09.403.103/0001-77

EDITAL DE COMUNICAÇÃO DE PARALISAÇÃO Este edital tem a finalidade de avisar a população, as empresas envolvidas no dia a dia da CNAAA e aos Trabalhadores, que a Categoria dos Eletricitários da CNAAA, realizará no dia 16 de março de 2018 Assembleia Geral Extraordinária Deliberativa, que será realizada na Rodoviária de Itaorna-Angra dos Reis convocada via e-mail e informativos (papel) distribuídos na Base, para debater e resolver o seguinte: Paralisação das atividades laborais a partir das 00:00h do dia 20 de março de 2018, em face de postergação por parte da Eletrobras em sentar à mesa com as Entidades Sindicais para negociação do ACT 2018/2019 Nacional. Não existindo previsão de retorno das atividades, sendo que durante o período de paralisação serão realizadas assembleias para avaliação do movimento. Dalberto dos Anjos de Andrade - Diretor-Presidente STIEPAR

Divulgação

Porto Real

O Presidente do SOS/VR, usando das atribuições que lhe confere o inciso IV do artigo 37, convoca aos associados quites para se reunirem em Assembleia Geral Ordinária, no dia 21 de março de 2018 , na Sede do SOS, à Rua Pompeu, número 235, Voldac, para tratarem dos assuntos constantes do presente Edital. A Assembleia Geral Ordinária acontecerá em primeira convocação, às 09:30h , com a maioria absoluta dos Associados e, em Segunda e última convocação, às 09:45 horas, com qualquer número, para atender à seguinte: ORDEM DODIA

CONVOCATÓRIA DE REUNIÃO PARA FORMAÇÃO DA COMISSÃO PROVISÓRIA DO PARTIDO REPUBLICANO DA ORDEM SOCIAL-PROS

1 - Aprovar o Relatório da Diretoria Executiva, o Balanço Geral e a Demonstração da Receita e da Despesa referentes ao exercício de 2017, apreciar as respectivas contas e o parecer do Conselho Fiscal.

Um grupo de cidadãos, do município de Volta Redonda convidam os interessados para a Reunião de Formação DA COMISSÃO PROVISÓRIA DA EXECUTIVA MUNICIPAL DO PARTIDO REPUBLICANO DA ORDEM SOCIAL-PROS, nesta cidade. A reunião será no dia 20 de março de 2018, às 19:00 horas, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Volta Redonda, no endereço na Avenida Lucas Evangelista, nº 511, Aterrado- Volta Redonda - RJ. Dúvidas e contatos, falar com Maurício Xavier Pereira- 24-999367354; Humberto de Campos Brito-11-991227434; Raphaela Cople Pereira.

2 - Aprovar a Previsão Orçamentária para exercício 2018, levando em consideração o Parecer do Conselho Fiscal. 3 - Assuntos Gerais.

Volta Redonda, 11 março de 2018 Alcides do Vale Pereira Presidente

EDITAL RECOLHIMENTO DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL ANO 2018 SINDICATO DOS METALÚRGICOS DE ANGRA DOS REIS CNPJ O SINDICATO DOS METALÚRGICOS DE ANGRA DOS REIS, pelo presente Edital, na forma do art. 605 da CLT, informa à todos os Empregadores dos Municípios de Angra dos Reis, Mangaratiba, Rio Claro e Parati, no ramo das indústrias de transformação metalúrgicas, em especial a naval e náuticas, da obrigação do desconto da contribuição sindical, competência 2018, em folha de pagamento no mês de março da importância correspondente à remuneração de um dia de trabalho, qualquer que seja a forma de remuneração, na forma da Lei. Ficam os empregadores alertados para o fato de que não havendo o recolhimento da Contribuição Sindical no prazo estipulado em lei sujeita o empregador às penalidades das Leis Fiscais, multa, multa de mora e juros de mora, além da devida correção monetária. Os empregados admitidos posteriormente a março deverão ser descontados no mês seguinte ao da admissão, como determina o art. 602 da CLT. Obrigação acessória: Comprovação do recolhimento da Contribuição Sindical, com envio num prazo máximo de 15 (quinze) dias, da cópia da GRCSU – Guia de Recolhimento da Contribuição Sindical Urbana, devidamente autenticada pelo órgão arrecadador e Relação Nominal de Empregados ou cópia da folha de pagamento com indicação da função de cada contribuinte, remuneração e valor da contribuição (parágrafo único, art. 2º. Da portaria MTE no 3.233/83) OBS: Conta corrente do Sindicato: Bco CAIXA, Ag. 0887, op 003, conta 1719-0 e Código Sindical: 911.023.107.01423-0 Rio de Janeiro, 08 de março de 2018 Cristiane Marcolino Vergílio de Souza Presidente


DIÁRIO DO VALE 5

CIDADES

SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018



Clínica de Diálise já está funcionando em Volta Redonda Prefeito Samuca visitou a unidade junto com equipe de profissionais de saúde Gabriel Borges – Secom/VR

Volta Redonda O prefeito Samuca Silva (Podemos), visitou a Clinica de Diálise de Volta Redonda, na manhã desta sexta-feira (9), que passa a funcionar atendendo doentes renais. A unidade, no bairro Retiro, já conta com 130 pacientes, mas tem capacidade para 192 pessoas em tratamento. A prioridade, no entanto, nesta primeira seleção, é para moradores do município, cujos critérios estão sendo avaliados pelos profissionais de saúde, que levam em consideração, entre outros itens, o estado clínico do paciente, ou seja, contemplando os casos mais graves. - Sem dúvida está é uma das maiores realizações do meu governo, pois estamos atendendo pessoas que sofrem diariamente com viagens para tratamento fora de domicílio”, ressaltou o prefeito, lembrando que os pacientes passam por uma verdadeira via sacra, sendo alguns casos destinando, pelo menos, 10 horas diárias entre o trajeto até a clínica de tratamento e o procedimento a ser realizado. Além do tempo gasto no tratamento, que dependendo do caso, se repete até três vezes por semana, os pacientes sofrem durante o percurso. Após os procedimentos, que duram em média quatro horas, muitos saem com dores e estado clínico bem debilitado,

transformando o retorno para casa, um grande sacrifício. O aposentado Marcio Oliveira, de 57 anos, que acompanha há mais de um ano a esposa, é um exemplo dessa realidade. Ele disse que a mulher, que fazia tratamento em Valença, chega muito cansada e tem dores durante a viagem. “É muito sofrido ver a minha mulher passando por um tratamento desses, mas agora a situação fica bem melhor”, ressaltou o aposentado, acrescentando outro fator positivo: economia nas despesas. “Tinha que lanchar para aguentar ficar o dia todo a espera dela, e tudo isso, soma um bom valor no final do mês”, completou Márcio, que agora mora, há cerca de meia hora da clínica e pode realizar as refeições em casa, enquanto a esposa está em tratamento. A vida do aposentado José Francisco, 61 anos, também mudou para melhor. Ele faz diálise há mais de um ano e realizava o tratamento em Angra dos Reis, resultando em uma rotina de pelo menos 12 horas, entre o deslocamento e o procedimento. Uma das maiores queixas do aposentado era com as inúmeras curvas na estrada, que no retorno, provocava enjoos. “Precisava tratar e não tinha alternativa de outro local, então procurava me manter bem forte para resistir”, completou Francis-

Moradores reclamam da falta de infraestrutura na Fazendinha Mariana Netto

Situação ruim: Moradores do bairro Fazendinha reclamam de mato alto e falta de energia Volta Redonda

A falta de água e problema de infraestrutura de alguns bair ros de Volta Redonda está sendo motivo de reclamação entre os moradores. O bairro Fazendinha é exemplo disso. Outra queixa é com relação á falta de energia. Segundo a moradora da Rua Deolindo Miguel, Maria Aparecida Fer reir a Moura o bairro está vivendo um momento crítica. - Tudo no nosso bairro está ruim e os problemas vão além da falta de água. A ausência de energia elétrica ocorre toda vez que chove e a noite, temos que andar no escuro, correndo risco de deparar com um animal peçonhento. Eu e meus vizinhos estamos tomando banho com água da chuva. Nós queremos que pelo menos uma vez, alguém olhe pela gente que faça a manutenção do bairro. Estamos vivendo em estado de calamidade – explicou, acrescentando que muitas pessoas estão se machucando e encon-

trando cobras no campo da torre, devido à falta de manutenção no local. Três Poços também sofre com o mato alto. Segundo o morador do bairro Guilherme Oliveira de Souza, o problema já ocorre há muito tempo. “Diariamente ficamos sem água. Em relação aos matos altos, em muitas vezes são os moradores que pagam para limpar e faz o serviço que era para ser da prefeitura. Nosso bair ro está esquecido, além dos matos, a praça está destruída, com lâmpada quebrada. A rua quando alaga caba entrando nas casas, pois o bueiro não suporta a quantidade de água”, explicou.

Nota Em nota, a Secretaria Municipal de Infraestrutura informou que dentro de dez dias estará concluindo o serviço de troca de lâmpadas em todos os bairros de Volta Redonda. Sobre o asfalto, uma equipe irá até o local dentro deste prazo para solucionar o problema.

co que a partir de agora percorre um trajeto entre a clínica e a casa, que dura em torno de meia hora.

Maratona O funcionamento da Clínica de Diálise somente se tornou realidade após uma batalha burocrática de exigências a serem cumpridas, tanto por parte do governo do estado, quanto pelo governo federal. Entre elas, a liberação da Vigilância Sanitária do Estado do Rio de Janeiro, necessária para o credenciamento do Ministério da Saúde). Além disso, a complementação de recursos liberados através do deputado federal Alexandre Serfiotis, de R$ 9 milhões. - Sou médico e sei o quanto esses pacientes sofrem e me empenhei para remanejar recursos para colocar esta clínica em funcionamento que poderá, inclusive, atender pacientes da minha cidade – ressaltou o deputado, que é de Porto Real. Até o final de março a clínica estará atendendo pacientes às segundas, quartas e sextas-feiras, das 8hàs 18 horas. Após esta data, a unidade passará a funcionar diariamente. Uma vez em atividade a clínica se torna mais uma alternativa para tratamento de doentes renais, que se deslocam para diversas cidades da região como Barra do Piraí, Valença, Vassouras, Angra

Aberta: Prefeito conversa com pacientes e acompanha procedimentos realizado na Clínica de Diálise dos Reis, Resende e Paracambi. Desde o início do ano foi feita a contratação e o treinamento de funcionários, ajustes em equipamento e aquisição de reagentes. “No ano passado, estive três vezes em Brasília com o ministro. Em meados de dezembro foi publicada no diário oficial da União a habilitação da clínica como Unidade Especializada em Doença Renal Crônica”, afirmou o prefei-

to. A clínica especializada em nefrologia é particular e atenderá pelo SUS os pacientes em programa de diálise. O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, informa que a unidade chegará à capacidade máxima de atendimento gradativamente.

Equipe médica Para atender toda demanda, a clínica contará

com médicos nefrologistas, enfermeiros, uma equipe multidisciplinar formada por nutricionista, psicólogo e assistente social e uma equipe técnica, além de auxiliares de serviços gerais. Serão gerados, em pleno funcionamento, mais de 90 empregos diretores, entre profissionais de saúde, de administração e de manutenção. Participaram da visita o vice-prefeito Maycon Abrantes, profissionais de saúde, entre outros.

II Festa do Dia da Mulher acontece neste sábado Divulgação

Itatiaia As comemorações alusivas ao Dia Internacional da Mulher tem continuidade neste sábado (10). Na cidade, acontece a II Festa do Dia da Mulher na Casa da Cultura, a partir das 16 h. A programação prevê show de prêmios, estandes com exposição de artesanato, apresentação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e apresentação de dança com o Ritmos Grupo de Dança da Casa da Cultura. - No ano passado nossa festa foi no bairro Campo Alegre e neste sábado estaremos na Casa da Cultura para recepcionar as mulheres de nossa cidade neste evento que está sendo preparado com muito carinho. Será um espaço de descon-

tração e lazer, um momento para confraternizar e trocar experiências”, explicou a Secretária de Políticas Públicas para as Mulheres, Janaina Sá Dantas. Haverá ônibus para o deslocamento das participantes saindo às 16 h do ponto da DPO de Penedo e às 16h30 da Praça Emancipação, no Campo Alegre. De acordo com a secretaria, o lançamento das oficinas que serão oferecidas na Secretaria será um ponto importante da programação. “Lá as moradoras irão conhecer um pouco do que irão aprender no curso e todo dinheiro arrecadado no show de prêmios será para investimento no material dos cursos”, frisou Janaina. A Casa da Cultura fica na Rua Antônio Gomes de Macedo, nº 331, Centro.

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO REAL ESTADO DO RIO DE JANEIRO

AVISOS DE LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇOS 006/2018 A Prefeitura Municipal de Porto Real /RJ torna público que realizará às 14 horas de 12 DE ABRIL DE 2018, no Centro Administrativo Municipal, Palácio 5 de Novembro, à Rua Hilário Ettore, 442, Centro Porto Real, RJ, Licitação Tipo Técnica e Preço, objetivando EXECUÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS, para atender a SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E SERVIÇOS PÚBLICOS (SMOSP), conforme especificações contidas no edital e seus anexos que é parte integrante do Processo Administrativo nº. 4975/2017. O Edital poderá ser retirado no portal oficial do município no endereço eletrônico <https:// www.portoreal.rj.gov.br>. Para retirada do edital na Superintendência de Licitações, os interessados deverão trazer: 1 (uma) resma (500 folhas) de papel sulfite tamanho A4, branco e documentos de identificação civil. VALOR MÁXIMO ADMITIDO: R$ 138.000,00. Porto Real, 08 de Março de 2018. CARLOS JOSÉ DA SILVA SUPERINTENDENTE DE COMPRAS, LICITAÇÕES E CONTRATOS

AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO 018/2018 O Município de Porto Real/ RJ torna público que realizará às 09:00 horas do dia 23 de março de 2018, no Centro Administrativo Municipal, Palácio 5 de Novembro, a Rua Hilário Ettore, 442, Centro, Porto Real, RJ, licitação nº 018/2018 na modalidade Pregão na forma Presencial, tipo menor global, objetivando CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CAPTURA E DESTINO FINAL DE ANIMAIS DE PEQUENO, MÉDIO E GRANDE PORTE para atender a SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, conforme especificações contidas no edital e seus anexos que é parte integrante do Processo Administrativo nº 195/2017 – FMS. O Edital poderá ser retirado no portal oficial do município no endereço eletrônico https:www.portoreal.rj.gov.br. Para retirada do edital na Superintendência de Licitações, os interessados deverão trazer 1(uma) resma (500 folhas) de papel sulfite tamano A4, branco e documentos de identificação civil. Valor máximo admitido: R$ 296.782,80 (duzentos e noventa e seis mil, setecentos e oitenta e dois reais e oitenta centavos). Porto Real, 09 de março de 2018. CARLOS JOSÉ DA SILVA SUPERINTENDENTE DE COMPRAS, LICITAÇÕES E CONTRATOS

Comemorações: II Festa do Dia da Mulher acontece na Casa da Cultura, a partir das 16 h.


6 DIÁRIO DO VALE

CIDADES



SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

Bloqueios fixos de concreto são instalados na RJ-163 Via volta a ser monitorada exclusivamente pelo Departamento de Estrada de Rodagem Divulgação

Resende A Defesa Civil instalou na tarde desta sexta-feira (9), bloqueios fixos de concreto, popularmente conhecidos como gelo baiano, após a localidade de Capelinha e também no alto da serra, na altura da torre de transmissão. A medida visa impedir a circulação de veículos na RJ 163, no trecho compreendido entre Capelinha e Visconde de Mauá, após a emissão do laudo elaborado pelo Departamento de Recursos Minerais do Estado do Rio (DRM), que considerou que a estrada ainda corre riscos de deslizamentos de encostas e desabamentos de partes da pista. O laudo foi liberado na última quarta-feira (7), após uma vistoria da área feita por geólogos e engenheiros do Governo do Estado. De acordo com o diretor geral da Defesa Civil de Resende, Atanagildo de Oliveira Alves, a instalação dos bloqueios fixos na altura da torre de transmissão, no sentido Mauá-Resende, visa não prejudicar o trabalho dos técnicos que precisam ir até o local prestar serviços. Com a interdição da via, a prefeitura também retirou do local o posto móvel da Guarda Civil Municipal, que fazia o bloqueio da estrada impedindo o acesso de motoristas desde o último domingo (4). Com isso, a RJ 163, que é uma via estadual, volta a ser monitorada exclusivamente pelo Departamento de Estrada de Rodagem (DER). De acordo com informações divulgadas pelo Departamento, as obras de recuperação da estrada devem durar pelo menos três meses, período em que deverá ser feita a remoção de todas as barreiras, sendo que algu-

mas delas, que são de grande dimensão, deverão ser detonadas. No total, ao longo de toda a via, foram registrados 136 pontos de deslizamentos, segundo o laudo técnico emitido pelo DRM.

Tempo indeterminado Embora as equipes do DER e prefeituras de Itatiaia e Resende, estejam trabalhando na limpeza da RJ-163, a pista segue interditada e sem previsão para liberação parcial do trecho. Técnicos do órgão afirmam que por se tratar de uma estrada-parque, a rodovia possui trechos que dificultam o processo de limpeza e recuperação da via. Previsões otimistas, ainda que extraoficiais, apontam para três meses de trabalho. Em uma análise mais pessimista, a recuperação pode levar até seis meses. O prefeito Diogo Balieiro (DEM), que tem acompanhado os serviços e estudos geológicos de perto, voltou a pedir que os bloqueios na RJ-163 sejam respeitados. Da mesma maneira, lembrou que a alternativa mais segura é pela RJ161, conhecida como estrada da “Serra do M”. - A RJ-163 está desimpedida, mas segue interditada pelo risco que oferece. Muitas barreiras ameaçam cair e há muita água descendo ainda das encostas. Os bloqueios foram montados por segurança. Nós tivemos uma tragédia aqui, mas que até agora foi uma tragédia material. Não tivemos vítimas”, explicou, lembrando do trabalho para desobstrução da Serra do M: “A prefeitura trabalhou incansavelmente para liberar a RJ-161 e peço a todos que usem a estrada da Serra do M. Ela está liberada e em boas condições,

No alto: Diogo Balieiro informa turistas sobre rota alternativa em um bloqueio da RJ-163 além de contar com trabalhos constantes das nossas equipes”, reforçou. Outra rota alternativa é a RJ-151 (Levy Gasparian a Maromba), passando pela localidade de Rio Preto.

Capelinha e Vargem Grande A Prefeitura conseguiu desobstruir no início da tarde de sexta-feira (9), mais uma via utilizada pela população rural, produtores e turistas que visitam a região: a estrada que liga as localidades de Vargem Grande à Capelinha, na altura da RJ 163, mais conhecida como estrada do Bonsucesso. Os trabalhos, iniciados na quarta-feira, 7, envolvem duas equipes, caminhões e pelo menos cinco máquinas pesadas, que já fizeram a retirada de entulhos, árvores e muita terra que rolou das encostas. Apesar da desobstrução, o tráfego de veículos

continua restrito aos veículos que estão trabalhando na via. De acordo com Victor Diniz, coordenador dos trabalhos no local, o serviço de desobstrução da estrada se concentrou principalmente no quilômetro um, perto da vila de Vargem Grande, onde a força das águas estourou uma passagem subterrânea, arrancando manilhas e interditando a estrada. As equipes da prefeitura permanecem no local, trabalhando na recuperação total da via e na desobstrução das estradas de acesso às propriedades rurais. Paralelamente ao trabalho já realizado no quilômetro um, do lado de Vargem Grande, outra equipe da Prefeitura trabalha na limpeza e desobstrução da via partindo da Capelinha. No total, cerca de 10 quilômetros de estradas estão sendo beneficiados pelos serviços de limpeza, retirada de árvores, pedras, terra e entulho.

Itatiaia decreta situação de emergência Entrou em vigor ontem (9), o decreto nº 2.993/2018, assinado pelo prefeito Eduardo Guedes, que decretou nesta quinta-feira (8), situação de emergência nas áreas da cidade afetadas pelas chuvas intensas que caíram entre os dias 3 e 7 de março. O decreto tem base o Formulário de Informações do Desastre FIDE. Entre as consequências dos altos índices pluviométricos, que chegou a 193.4 mm, estão os alagamentos e deslizamentos de terra em área urbana e rural que atingiram bairros como Visconde de Mauá - Maringá, Maromba e Vales, Vale das Cruzes, Vale do Pavão, Vila Pinheiro, Nova Conquista, África I e II, Jambeiro I e II, Fazendinha, Penedo, Vale do Ermitão, Alto Penedinho, Vale da Grama, Campo Ale-

gre, Centro, Jardim Itatiaia e Jardim Manchete. O decreto também leva em consideração a obstrução da via de acesso (RJ-163 e RJ-151) da região de Maringá/Maromba, que foi ocasionada devido à tromba d’água que caiu no Rio Pirapitinga e Roncador, trazendo diversos pontos de deslizamentos e quedas de barreira, impossibilitando a passagem e o tráfego de veículos nas estradas que dão acesso as regiões. Também foi considerado os inúmeros sinistros como deslizamentos de terra, alagamentos, fechamento e destruição de vias (rodovias e estradas) que tiveram como consequência, a falta de combustível na localidade, a falta de energia, a dificuldade do acesso dos profissionais de saúde e dos veículos de abastecimento de alimentação nas Escolas e Creches da localidade.


SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

DIÁRIO DO VALE 7

ECONOMIA



Brasil teme guerra comercial após Trump anunciar taxação da importação do aço Ao todo, 32% do aço exportado pela indústria nacional têm como destino o mercado americano Divulgação

Brasília

O secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, disse nesta sexta-feira (9) que o governo vê com preocupação a decisão dos Estados Unidos de criar uma barreira à importação do aço brasileiro. Na quinta (8), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, oficializou o aumento das tarifas de importação para 25% para o aço e 10% para o alumínio. - É uma preocupação grande por estar criando uma barreira comercial. Aliás, um país que está em pleno emprego e defendendo um setor com excesso de capacidade. Essa política é questionável, mas não cabe à gente questionar a política de outros governos - disse durante Seminário Internacional AGU (Advocacia Geral da União) 25 Anos. Guardia acrescentou que a medida americana pode desencadear uma reação protecionista de outros países. “O efeito prático disso é que pode desencadear uma guerra comercial na reação de outros países. Isso vai na contramão do livre comércio e do aumento do fluxo de mercadorias, serviços e capitais, que é o que a gente defende e entende que seja o caminho para o desenvolvimento”, disse. Ele acrescentou que devido à importância do assunto, a reação não deve ser isolada, por apenas um país. Na quinta (8), em nota conjunta assinada pelos ministros Marcos Jorge (da Indústria e Comércio) e Aloysio Nunes (de Relações Exteriores), o governo brasileiro informou que “buscou, em sucessivas gestões, evitar a aplicação das medidas às exportações brasileiras, esclarecendo ao gover no americano que os produtos do Brasil não causam ameaça aos interesses comerciais ou de segurança dos EUA”.

Ao todo, 32% do aço exportado pela indústria nacional têm como destino o mercado americano, fazendo do Brasil o segundo maior exportador do produto para os Estados Unidos, ficando atrás apenas do Canadá. Apenas em 2017, 4,7 milhões de toneladas do aço brasileiro foram embarcadas, para os EUA, representando um faturamento de US$ 2,6 bilhões. Também ontem, o Instituto Aço Brasil emitiu nota oficial sobre o caso. “A decisão é uma medida extrema que visa proteger a indústria siderúrgica americana e seus trabalhadores. Dada a complementaridade das exportações de suas associadas para os EUA, o Instituto Aço Brasil tinha a expectativa do Brasil ser excluído da medida, o que não ocorreu. O Aço Brasil estuda, então, com o governo brasileiro, a entrada imediata de recurso junto ao governo americano”. A nota segue: “É entendimento do Instituto que o bloqueio das exportações brasileiras para o mercado americano - em sua quase totalidade composta de semi acabados, que são reprocessados pelas indústrias siderúrgicas americanas -, ocasionará dano significativo não só para as nossas empresas, mas também para as americanas que não tem autossuficiência no seu abastecimento”. A nota fecha indicando que o governo brasileiro e os empresários já estudam como se defender da taxação: “Problema imediato a ser analisado junto ao governo brasileiro é como a indústria do aço no Brasil pode se defender do agravamento da situação mundial com o excedente de capacidade instalada de aço de 750 milhões de toneladas e, agora, com o desvio de fluxo de comércio que a decisão americana ocasionará”.

Desembarca: Em 2017 4,7 milhões de toneladas do aço brasileiro foram embarcadas para os EUA

Grandes economias do mundo pedem retirada de barreiras As grandes economias do mundo pediram a retirada das tarifas ao aço e ao alumínio impostas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que rejeitam pelo grave impacto que terá no comércio internacional. A informação é da Agência EFE. Embora nesta sextafeira (9) a União Europeia (UE), da mesma for ma que algumas capitais, manteve cautela e evitou se chocar de frente, a comissária de Comércio, Cecilia Malmström, advertiu que “a primeira opção da UE é sempre o diálogo mas, chegados a uma situação limite, responderemos”. No entanto, falou sobre sua reunião amanhã com o representante de Co-

Brasileiros com nome em cadastro de devedores chegam a 40,5% da população Rio

A porcentagem de brasileiros com contas em atraso e registrados nos cadastros de devedores em fevereiro chegou a 40,5% da população com idade entre 18 e 95 anos, de acordo com dados do indicador do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). A estimativa das entidades é que o Brasil tenha 61,7 milhões de pessoas com alguma conta em atraso e com o CPF restrito para contratar crédito ou fazer compras parceladas. Segundo o indicador, no mês de fevereiro foi registrado um aumento de 2,71% no volume de inadimplentes em comparação ao mesmo mês do ano passado. Em relação a janeiro, o aumento foi de 0,55%. “A estimativa reflete o quadro de dificuldades econômicas que as famílias ainda enfrentam, com o alto nível

de desemprego e a renda ainda comprimida. Mas não é só a conjuntura que explica fenômeno da inadimplência. Em muitos casos, o descuido com as finanças leva à situação de descontrole e ao consequente atraso das contas”, disse o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro. A faixa etária na qual se observa o maior número de negativados em fevereiro é a de 30 anos a 39 anos, o que representa 51% da população dessa idade. Entre aqueles que têm entre 40 e 49 anos, 49% estão com o nome sujo e, entre 25 e 29, esse percentual chega a 46%. Entre os mais jovens, com idade de 18 a 24 anos, a proporção cai para 20%. Na população idosa, considerando-se a faixa etária de 65 a 84 anos, a proporção é de 31%. A Região Sudeste é onde está concentrada a maior quantidade de consumidores com contas em atraso. São 26,7 milhões, o corresponden-

te a 40% do total de consumidores que moram no estado. A segunda região com maior número absoluto de devedores é o Nordeste, com 16,49 milhões de negativados, ou 41% da população. Em seguida, aparece o Sul, com 8,10 milhões de inadimplentes, 36% da população adulta. Os dados mostram também que o volume de dívidas em nome de pessoas físicas caiu 1,20% na comparação anual e 0,40% na comparação mensal. Já por setor, aquele com maior alta nas dívidas abertas foi o de comunicação, com variação de 10,20%, seguido pelos bancos, que teve avanço de 2,31%. Já os setores de água e luz e o de comércio observaram queda de, respectivamente, 4,25% e 6,78%. Em termos de participação, os bancos detêm pouco mais da metade do total de dívidas (50%). Em seguida, aparecem o comércio (18%); o setor de comunicação (14%); e de água e luz (8%).

mércio Exterior dos Estados Unidos, Robert Lighthizer, ao assegurar que “a União Europeia (UE) não tomará nenhuma decisão até que nos confirmem que não estamos excluídos das novas tarifas”. Malmström afirmou que a UE demoraria até 90 dias para atuar após a entrada em vigor das tarifas americanas. O presidente do Parlamento Europeu, Antonio Tajani, lamentou hoje a decisão ao mesmo tempo em que advertiu que o bloco comunitário “responderá” para proteger sua indústria. A China pediu aos Estados Unidos que retire “o mais rápido possível” essas novas tarifas, pois alertou que terão um

“grave impacto” sobre o comércio internacional. Para o diretor do departamento de pesquisa comercial do Ministério chinês de Comércio, Wang Hejun, a decisão atenta contra a ordem comercial da Organização Mundial do Comércio (OMC). Em Tóquio, o ministro de Assuntos Exteriores do Japão, Taro Kono, qualificou hoje de “lamentáveis” essas medidas tarifárias e advertiu que “podem afetar a cooperação econômica entre Japão e EUA”. Também o Governo sul-coreano se uniu às queixas e lamentou a decisão de Trump, a quem antecipou que deve comparecer à OMC. “Lamentamos a decisão dos EUA

de impor tarifas sobre as importações de aço apesar do nosso Governo apontar através de diferentes canais os problemas que acarretam esta ação”, disse o Ministro de Comércio sul-coreano, Paik Um-gyu, em reunião com o setor local do aço. A ministra alemã de Economia, Brigitte Zypries, assegurou que Berlim combinará com a Comissão Europeia uma resposta “sensata, mas clara” às tarifas ao aço e ao alumínio americanas e advertiu que Donald Trump está isolando seu país. “É um protecionismo que ofende estreitos aliados, como a UE e a Alemanha, e que limita o livre-comércio”, denunciou a titular de Economia.

Reforma do PIS/Cofins deve levar dois anos, diz governo Rio

A implementação da reforma do Programa de Integração Social (PIS) e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (PIS/Cofins) deve levar pelo menos dois anos, afirmou nesta sexta-feira (9) o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, no Seminário Internacional AGU 25 Anos”. De acordo com o secretário, o projeto, em elaboração pelo governo, já está “maduro” para ser encaminhado ao Congresso Nacional. PIS e Cofins são contribuições federais que incidem sobre a receita bruta auferida pela pessoa jurídica. Incidem tanto sobre o faturamento ou o auferimento de receitas para pessoas jurídicas de direito privado; sobre o pagamento da folha de salários para entidades de relevância social determinadas em lei; e sobre a arrecadação mensal de receitas correntes e o recebimento mensal de re-

cursos para entidades de direito público. Segundo o secretário, por ter regras “extremamente complexas” sobre o cálculo do crédito tributário, há muitos processos. Ele acrescentou que atualmente 80% dos litígios no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) são sobre Pis/Cofins. “Esse número fala por si só. Tem algo errado na própria regulamentação. Nós precisamos simplificar”, disse o secretário. Guardia disse ainda que seria ideal a fusão do PIS-Cofins com o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e o Imposto sobre Serviços (ISS), mas essa mudança seria complexa por envolver estados e municípios. - O ideal seria ter uma refor ma que migrasse o PIS/Cofins para uma regra muito simples, para todos os produtos da economia, para nós podermos caminhar para o imposto sobre o valor adicional nacional, que faria também a fu-

são com o ICMS, o ISS, e o PIS-Cofins – afirmou. De acordo com Guaria, a reforma do PIS/ Cofins vai “facilitar qualquer refor ma tributária”. “Isso vai reduzir custo de cumprimento das obrigações tributárias, vai reduzir litígios”. Guardia acrescentou que a reforma do PIS/ Cofins será feita em duas etapas. “Primeiro, faremos do PIS para não ter erro de calibragem nessa nova alíquota e, depois, a gente faz o Cofins. Então, é uma reforma em duas fases que vai levar pelo menos dois anos para implementar. É melhor ir devagar e rumar na direção correta”, disse. No último dia 6, o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, já tinha sinalizado que a unificação das contribuições será feita em etapas. As duas contribuições equivalem a quase 4% do Produto Interno Bruto (PIB – a soma de todas as riquezas produzidas no país). O PIS equivale a quase 1% do PIB.


8 DIÁRIO DO VALE

NACIONAL



SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

Nacional Maia diz que apoio da Fazenda ao interventor no Rio é fundamental Deputado espera que general Braga Netto apresente planejamento para a sociedade em breve Divulgação

Rio O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta sexta-feira (9) no Rio de Janeiro que o suporte do Ministério da Fazendo ao interventor federal no Rio de Janeiro é fundamental. O deputado disse esperar que o general Walter Braga Netto, interventor na segurança do Rio de Janeiro, possa apresentar seu planejamento para a sociedade, a partir do qual será possível entender a expectativa de orçamento. - Sabemos muito bem que a estrutura das nossas polícias ficou sucateada nos últimos meses e anos. Como agora se trata de uma intervenção federal, a responsabilidade também é nossa (da Câmara) e nós esperamos que o Ministério da Fazenda, junto com o presidente da República, entenda que o suporte ao interventor é fundamental – disse. Na sua avaliação, há uma perspectiva positiva em relação à economia que ajuda na liberação de recursos. - A projeção de déficit primário dado hoje por diversos economistas é bem abaixo da meta de déficit primário que foi colocado pelo gover no federal e aprovado no Congresso. Então há uma margem. O ideal era que não houvesse déficit ou que ele fosse

o menor possível. Mas, no meio dos números, tem a vida das pessoas. E o Estado tem a responsabilidade de cumprir um papel entre aquilo que é fundamental para o ajuste fiscal e o que dá condições para que a sociedade possa ter o mínimo de segurança disse. As declarações ocorreram no Hotel Copacabana Palace, durante o evento Brasil de Ideias. Em cada edição, há um convidado diferente e desta vez Maia foi chamado a falar sobre questões que estão na agenda da Câmara dos Deputados. “Há um anteprojeto do ministro Alexandre de Moraes que deve ser apresentado na próxima semana, voltado para o combate do tráfico de drogas e armas. O crime organizado responde por metade dos homicídios no Brasil e esse é um foco importante”, informou.

Agenda Além das questões vinculadas à segurança pública, Rodrigo Maia destacou outros projetos que g anham destaque na agenda da Câmara dos Deputados, como votações envolvendo a autonomia do Banco Central, a privatização da Eletrobras e também mudanças relacionadas com o cadastro positivo de crédito, as agências reguladoras e com a Lei de Licita-

Liberando: Rodrigo Maia será um agente facilitador na liberação de recursos ções. Ele voltou a defender a Reforma da Previdência, apesar de o projeto ter sido retirado da pauta tendo em vista que a legislação não permite a aprovação de emendas constitucionais enquanto perdura uma intervenção federal.

Justiça federal manda soltar empresário Joesley Batista Brasília O juiz Marcos Vinicius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal de Brasília, mandou soltar os executivos Joesley Batista e Ricardo Saud, da holding J&F - dona do grupo JBS, que se encontram presos preventivamente desde setembro do ano passado. Joesley Batista está preso na Superintendência da Polícia Federal em São Paulo e Ricardo Saud, na Penitenciária da Papuda, em Brasília. Na decisão, o magistrado escreveu que a prisão dos dois executivos perdura por mais de seis meses, “prazo muito superior aos 120 dias previstos para a conclusão de toda a instrução criminal e flagrantemente aviltante ao princípio da razoável duração do processo”. Os executivos estavam presos preventivamente após terem sido acusados

pela Procuradoria-Geral da República (PGR) de obstrução de Justiça, por supostamente terem ocultado informações em seus acordos de delação premiada. A PGR pediu a rescisão dos acordos ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas o juiz Reis Bastos ressaltou que as delações ainda não tiveram a respectiva revogação homologada, motivo pelo qual os executivos ainda gozam de imunidade penal, também não podendo, dessa maneira, permanecer presos em decorrência das investigações ligadas ao inquérito de organização criminosa do qual são alvo na Justiça Federal no Distrito Federal (JFDF). Mesmo soltos, os dois devem usar tornozeleira eletrônica, por força de uma medida cautelar vigente em outra investigação sobre manipulação de mercado financeiro. Reis Bastos determinou

que os dois executivos entreguem seus passaportes. Com a decisão, não restam outros decretos de prisão contra Joesley e Saud, e ambos devem ser soltos. Segundo infor mações da JFDF, o alvará de soltura deles deve ser expedido ainda nesta sexta-feira, por meio de malote digital, podendo assim ter cumprimento imediato. Joesley e Saud são alvo do inquérito que investiga a formação de quadrilha no PMDB. Em outubro do ano passado, o ministro Edson Fachin, do STF, mandou descer as investigações relativas aos executivos para o juiz Sérgio Moro, da primeira instância da Justiça Federal em Curitiba, uma vez que eles não têm prerrogativa de foro. Em dezembro, entretanto, o plenário da Corte decidiu que o inquérito deveria ter prosseguimento no Distrito Federal.

Ministro do STJ nega prisão domiciliar a Paulo Maluf São Paulo O ministro Jorge Mussi, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou um pedido de liminar (decisão provisória) feito pelo deputado Paulo Maluf para que tivesse concedida a prisão domiciliar. A defesa de Maluf alegou questões humanitárias, devido à idade de Maluf, que tem 86 anos, e a seu estado de saúde, com problemas de locomoção e cardíacos. Mussi, porém, entendeu não haver urgência para justificar medida liminar, podendo a questão ser analisada mais detidamente pela Quinta Turma do STJ, um dos colegiados da Corte onde são julgados processos

criminais. Em sua decisão, o ministro escreveu que “não se desconhece o grave estado de saúde do paciente, mas também não se pode deixar de reconhecer, neste momento, o adequado tratamento médico aparentemente disponibilizado pelo estabelecimento prisional em que se encontra recolhido”. Maluf está preso desde o fim do ano passado para cumprir pena de sete anos e nove meses na Penitenciária da Papuda, no Distrito Federal, pelo crime de lavagem de dinheiro, após ser condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Maluf foi condenado por receber propina em contra-

tos públicos com as empreiteiras Mendes Júnior e OAS quando era prefeito de São Paulo (1993-1996). Os recursos teriam sido desviados da construção da Avenida Água Espraiada, hoje chamada Avenida Roberto Marinho. O custo total da obra foi cerca de R$ 800 milhões. As investigações se arrastaram por mais de 10 anos desde a instauração do primeiro inquérito, ainda na primeira instância da Justiça. Os procuradores do Ministério Público estimaram em US$ 170 milhões a movimentação total de recursos ilícitos. O Supremo assumiu o caso após a eleição de Maluf como deputado federal.

Segundo o presidente da Câmara, aumento de impostos e do endividamento fazem mal à economia brasileira e o único jeito seria cortar despesas da União. Do contrário, haveria cada vez menos recursos para saúde, segurança e educação.

“Nas diversas reuniões que venho fazendo com estados, a pauta é sempre em torno de recursos. Outro dia, surgiu uma proposta de liberar os jogos de azar para gerar recursos para a segurança pública. Parece uma boa ideia. Mas é preciso lem-

brar que o déficit na Previdência cresce R$ 50 bilhões por ano. Então a projeção de R$ 15 a R$ 20 bilhões que o jogo pode garantir é pouco diante do crescimento das despesas a nível federal, e sabemos que nos estado também”.

Ministério Público do Rio denuncia Pezão por improbidade administrativa Rio

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) ajuizou uma ação civil pública contra o governador Luiz Fernando Pezão, por ato de improbidade administrativa, com pedido de afastamento do cargo. Pezão foi acusado de não ter aplicado 12% na área da saúde, em 2016, percentual mínimo previsto na Constituição Federal. Segundo a coordenadora do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Cor rupção (GAECC), do MPRJ, Patrícia Villela, há uma divergência na metodologia aplicada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) e pelo MPRJ. Ambas as contas apontam a aplicação abaixo do mínimo exigido. O TCE mostrou que em 2016 apenas 10,42% do orçamento do Estado foram gastos com saúde, o que corresponde a uma diferença de R$ 574 milhões a menos do que o percentual mínimo. Para o MPE, também deve ser contabilizado nessa diferença um total de R$ 1,907 bilhão em valores empenhados e liquidados, mas que não estavam cobertos pelo fundo de saúde e não teriam sido efetivamente pagos, o que foi comprovado com notificações feitas por fornecedores da Secretaria de Estado de Saúde.

“O TCE computou nesse percentual algumas despesas que o estado do Rio de Janeiro teria empenhado e liquidado que é certificar que aquele serviço foi prestado -. Mas não havia disponibilidade de caixa para o pag amento de tudo o que foi liquidado. Essa é a diferença. O MPE não computa no percentual da verba aplicada a diferença daquele valor que foi liquidado mas não tinha disponibilidade de caixa no Fundo Estadual de Saúde”, explicou Patrícia. A assessoria de Pezão informou, por nota, que a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) recorreu da ação no Supremo Tribunal Federal. No ano passado, o MPRJ já havia entrado com uma ação por improbidade administrativa contra o gover nador, com base em uma representação feita pelo Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro. A denúncia do órgão de classe aponta falhas nos investimentos na área da saúde por parte do governo fluminense em 2015. Na nota, o gover no afirma que o descumprimento do índice em 2016 “foi plenamente justificado pelos arrestos e bloqueios de mais de R$ 8 bilhões nas contas do Estado naquele ano” e que essa justificativa foi submetida e aprovada pela Assembleia Legislativa

do Estado, “a quem cabe apreciar as contas do Estado”. O procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, explicou que a denúncia contra um governador é atribuição originária do cargo de procurador-geral. Segundo ele, mesmo que a denúncia não seja julg ada até o fim do mandato de Pezão, que termina em 31 de de zembro, a ação é importante para que se tenha um entendimento de tribunais superiores sobre casos parecidos. “Essa questão não se restringe ao Rio de Janeiro, então reforço a questão que a judicialização de um caso como esse é importante para o Brasil inteiro. A modulação pelos tribunais superiores vai dar uma diretriz mais segura, inclusive para os próprios gestores. Não há a menor possibilidade que a ação chegue ao seu fim ainda em 2018, mas ela é muito importante para balizar a matéria em âmbito nacional. Questões como essa são extremamente controver tidas e uma análise de tribunais superiores sobre a matéria é muito importante”. A ação pede a ressarcimento integral do dano e a perda da função pública, com suspensão dos direitos políticos por até 8 anos, além do pagamento de danos morais coletivos de R$ 5,7 milhões.


GERAL

SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

DIÁRIO DO VALE 9 

Rio sentirá mudanças na segurança em até 4 meses, afirma Jungmann Ministro participou de uma reunião com parlamentares fluminenses na Escola Superior de Guerra Divulgação

Rio O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse nesta sexta-feira (9) que as mudanças na segurança pública devem ser sentidas pela população do Rio de Janeiro em até quatro meses. Jungmann participou de uma reunião com parlamentares fluminenses na Escola Superior de Guerra e explicou que o prazo é uma estimativa do interventor federal na segurança do estado, general Walter Braga Netto. “Em conversas com o interventor Braga Netto, ele me dizia que, num espaço de até quatro meses, ele calcula, serão sentidas as mudanças pela população. Isso não quer dizer que terá passe de mágica”, disse o ministro. Segundo Jungmann, as mudanças serão graduais, e “existem razões para esperança”. Jungmann tinha um encontro com o general Braga Netto na manhã desta sexta-feira, que foi remarcado por questões de agenda. O ministro defendeou as ações integradas na Vila Kennedy e avaliou que servem como um piloto do que será feito em outras favelas do estado e mostram resiliência das forças de segurança contra o crime organizado. “Não adianta nos desafiar, porque temos disposição de continuar”, afirmou o ministro. “É um recado de que não vamos desistir. Estamos determinados e vamos até o fim”, enfatizou. O encontro do ministro com os deputados federais do Rio de Janeiro começou pouco depois do meio-dia e terminou por volta das 15h. Os parlamentares participantes integram a comissão externa criada na Câmara para acompanhar a intervenção federal em seu planejamento, sua execução e seus desdobramentos. A reunião contou também com a presença do prefeito de Guapimirim, Zelito.

Ação sustentável Integrante da comissão, o deputado Alessandro Molon (PSB-RJ) disse que os parlamentares questionaram qual era o planejamento da intervenção e os métodos que seriam utilizados, assim como o orçamento previsto. Seundo Molon, Jungmann respondeu que essas informações seriam prestadas em breve ao grupo. O deputado elogiou a proposta de combate à cor-

Jungmann: ‘Não adianta nos desafiar, porque temos disposição de continuar’

Ministro fala em mais recursos no setor Jungmann informou que a intervenção federal vai receber recursos novos. Segundo o ministro, esse dinheiro precisará ser remanejado de outras áreas, devido ao teto de gastos do governo federal. “Sim, vamos ter dinheiro novo. Sim, virá dinheiro a mais. E por que não se sabe, ou não se tem ainda como comunicar quanto virá?

Porque esse é um trabalho que está sendo desenvolvido a quatro mãos com a equipe da área e a equipe econômica”, explicou. O ministro destacou que a reestruturação das polícias já começou com a nomeação dos novos comandantes da Polícia Militar e da Polícia Civil. Além disso, o Estado também já adquiriu maior capacidade de efetuar prisões e reduziu o pode-

rupção policial e sugeriu alterações legislativas para aprimorar as corregedorias, o que, na visão dele, permitiria que as mudanças permaneçam. “É preciso tornar essa ação uma ação sustentável ao longo do tempo”, afirmou. A intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro teve início em fevereiro e transferiu a gestão desta área para o general Walter Braga Netto, que é o comandante militar do Leste.

Outro decreto do presidente Michel Temer autoriza, desde julho do ano passado, a realização de operações de Garantia da Lei e da Ordem, como as que ocorreram nesta semana na Vila Kennedy, integrando Forças Armadas e polícias. Na manhã desta sexta, os militares participam da quarta operação integrada na Vila Kennedy, favela que fica às margens da Avenida Brasil, na zona oeste da capital.

Homens armados atacam ocupantes de fazenda no norte de Minas Capitão Enéas-MG Ao menos seis sem-terra foram feridos por homens armados acusados de atacar um grupo de cerca de 120 pessoas que desde 18 de fevereiro ocupa fazenda Norte América em Capitão Enéas, no norte de Minas Gerais. O ataque aconteceu na tarde desta quinta-feira (8). Segundo a Polícia Militar, vários homens chegaram à fazenda a bordo de um caminhão-baú e começaram a atirar contra os sem terra. Dois integrantes da Frente Nacional de Luta Campo e Cidade foram baleados, entre eles o coordenador do movimento, Thiago Coimbra Silva, de 32 anos. Atingido na cabeça e na perna, ele foi levado em estado grave para o Hospital e Santa Casa Nossa Senhora da Guia, em Capitão

Enéas. Em seguida foi transferido para outro estabelecimento de Montes Claros e submetido a uma cirurgia. Outros quatro sem terra sofreram ferimentos leves, entre eles dois adolescentes que afirmam ter sido agredidos com coronhadas na cabeça, um idoso José Felizardo Cunha, de 76 anos, e uma senhora Maria Joana Soares Ferreira, de 59 anos. Os quatro feridos receberam atendimento médico em Capitão Enéas e liberados em seguida. Sete funcionários da Fazenda Norte América foram detidos, entre eles o motorista do caminhão, que foi encontrado a alguns quilômetros do local do ataque, com o para-brisas trincado. Os funcionários detidos são, segundo a Polícia Militar, suspeitos de parti-

cipar do ataque. O advogado dos administradores da fazenda, Robson Alves Lima, compareceu voluntariamente à delegacia de Montes Claros, onde prestou informações aos investigadores. Policiais militares apreenderam uma garrucha de fabricação caseira; cápsulas deflagradas calibres 12, 20 e 38; um rádio transceptor; uma balaclava (máscara) preta; um distintivo da Polícia Civil; cinco aparelhos celulares e R$ 670 reais em dinheiro. Equipes locais e de policiamento especializado enviados para o local permanecem nas proximidades da fazenda ocupada. A reportagem não conseguiu contato com os administradores da fazenda, nem com os representantes da Frente Nacional de Luta Campo e Cidade.

rio do crime organizado com o combate ao roubo de carga. Jungmann afirmou que as Forças Armadas sempre cumpriram o que foi solicitado quando estava em vigor apenas o decreto de Garantia da Lei e da Ordem e, com a intervenção, os militares agora atuam na reestruturação da segurança no estado. “A reestruturação da segurança

pública do Rio de Janeiro é o aspecto central, é onde se trava a principal batalha para resgatar a sensação de segurança no Rio de Janeiro.” Nessa reestruturação, o ministro enf atiz ou a importância de combater a cor r upção policial e melhorar as condições de trabalho, equipamento e salários dos policiais. “Os maus policiais, aque-

les que estão ligados ao crime organizado ou à cor rupção, têm que deixar a corporação. É uma minoria, é evidentemente um g r upo minoritário, mas não podem continuar dentro de uma instituição que queremos que tenha a melhor valorização e a melhor autoestima”, concluiu Jungmann.


10 DIÁRIO DO VALE

ESPORTES



SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

Vasco encara o Madureira em Bangu Cruzmaltino, que vem de empate sem gols com o Fluminense, está na segunda posição do Grupo B Rio O Vasco entra em campo neste sábado, às 15h45(de Brasília), em Moça Bonita, estádio do Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro (RJ), precisando de um triunfo diante do Madureira, pela quinta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, para não ver ameaçada a sua classificação para as semifinais. O Cruzmaltino, que vem de empate sem gols com o Fluminense, está na segunda posição do Grupo B com sete pontos, dois a menos

que o líder Flamengo. Porém, os vascaínos são ameaçados pela Cabofriense, que tem seis pontos e pode ultrapassá-los em caso de tropeço. O lado bom é que ganhando, o Vasco se classifica se o time de Cabo Frio perder para a Portuguesa no domingo. A partida é considerada de alto risco pelo Vasco. Isso porque, além de ter que ganhar, vai enfrentar condições ruins em campo. O Rio de Janeiro tem vivido dias de forte calor e o horário da partida preocupa, principalmente porque Bangu é um bairro que re-

gistra temperatura alta nessa época do ano. Soma-se a isso a preocupação com a estreia na fase de grupos da Copa Libertadores, que vai acontecer já na próxima terça-feira, diante da Universidad do Chile, em São Januário. - Vai ser uma partida muito complicada e o Vasco precisa estar preparado para enfrentar as situações que vão acontecer. Tenho certeza, porém, que podemos desempenhar um bom paple e atingir o objetivo disse Zé Ricardo. Justamente por conta do duelo contra a Universidad

Flamengo ‘alternativo’ tenta confirmar vaga diante do Macaé

do Chile que o treinador vascaíno deverá preservar alguns titulares. - Vamos mandar a campo uma equipe em condições de ganhar o jogo - disse o técnico do Vasco. Se as dificuldades climáticas e o intervalo entre os jogos são vistos como complicadores, o momento do Madureira pode amenizar a situação do Vasco. O Tricolor Suburbano tem a pior campanha na classificação geral, que leva em consideração o somatório dos dois turnos, e conquistou apenas dois pontos no Grupo C da Taça Rio, segurando a

lanterna da chave também. Na quarta-feira, após a derrota de 2 a 0 para a Cabofriense, em casa, o técnico Djair foi demitido. Como está na reta final da competição, e sem mais chances reais de vaga nas semifinais, o Madureira sequer contartou um novo treinador e vai apostar em Gilberto Coroa, promovido do time sub-15. Para este compromisso, Gilberto Coroa deverá manter a base que vinha jogando, mas mudanças não foram descartadas. Segundo o regulamento da Taça Rio, os times de

um grupo duelam com os da outra chave em turno único. Ao fim, os dois primeiros colocados de cada grupo se garantem nas semifinais do segundo turno.

MADUREIRA X VASCO Local: Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ) Horário: 15h45(de Brasília) Árbitro: Mauricio Machado Coelho Júnior (RJ) Auxs: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Jackson Massara dos Santos (RJ) MADUREIRA: Jonathan, Henrique, Gustavo Henrique, Edmário e Douglas Lima; Leandro Carvalho, William e Luciano; Derek, Souza e Igor Catatau Técnico: Gilberto Coroa VASCO: Martín Silva, Frikson Erazo, Werley e Paulão; Rafael Galhardo, Bruno Paulista, Andrey, Thiago Galhardo e Fabricio; Rildo e Andrés Ríos Técnico: Zé Ricardo

Boavista e Bangu revivem semifinal da Guanabara

Divulgação

Saquarema

Boavista e Bangu duelam neste sábado, no Estádio Eucyr Resende, em Saquarema, a partir das 16h(de Brasília), pela quinta rodada da Taça Rio, segundo tur no do Campeonato Carioca. O duelo é a reedição da semifinal da Taça Guanabara, primeiro turno, que acabou empatada por 2 a 2. Naquela ocasião, por ter melhor campanha, o representante da Região dos Lagos se classificou. Os dois times caíram de produção nesta segunda fase. O Bangu, que vem de derrota de 1 a 0 para o Botafogo, ainda Objetivo: Rubro-Negro lidera o Grupo B e pode se classificar por antecipação Macaé De olho no confronto com o Emelec na próxima quarta-feira, no Equador, pela fase de grupos da Copa Libertadores, o Flamengo vai escalar uma equipe alternativa para o duelo deste sábado, às 19h30(de Brasília), contra o Macaé no Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé, em choque válido pela quinta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. O Rubro-Negro, que vem de triunfo de 3 a 0 sobre o Boavista, lidera o Grupo B e pode se classificar por antecipação para as semifinais. Para garantir a vaga, além de derrotar o Macaé, o Flamengo precisa que Vasco ou Cabofriense tropecem. O primeiro, também no sábado, encara o Madureira, enquanto que a Lusa, no domingo, mede forças com a Portuguesa. - Para nós atingir a classificação seria muito importante, pois nos daria uma tranquilidade maior para a rodada final, ainda mais levando em consideração que a gente tem um jogo impor-

tante no Equador no meio da próxima semana pela Copa Libertadores. Precisamos trabalhar neste sentido, porém, mantendo o foco somente no jogo contra o Macaé, que vai nos criar dificuldades - afirmou Paulo César Carpegiani, comandante do Flamengo. A ideia de escalar alguns reservas no duelo deste sábado vai preservar boa parte do plantel para o choque no Equador. Porém, alguns titulares deverão estar em ação. Caso do goleiro Diego Alves, poupado contra o Boavista para que Júlio César pudesse reestrear com a camisa do Flamengo, e Lucas Paquetá. O meia Vinícius Junior, que cumpriu suspensão no meio de semana, reaparece. Porém, o apoiador Diego, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, fica de fora. Pelo lado do Macaé, a má campanha preocupa. O time, que vem de empate por 1 a 1 com o Volta Redonda em casa, tem apenas dois pontos no Grupo C e não alimenta mais o sonho de disputar as semifinais. A ideia é evitar terminar a

classificação geral, que leva em consideração o somatório dos dois tur nos, nas duas últimas posições, o que o obriga a disputar uma seletiva para voltar ao Estadual em 2019. Em termos de escalação, o zagueiro Igor e o atacante Pipico, que cumpriram suspensão diante do Voltaço, retornam ao time. O segundo ocupará a vaga de Edinho. Já Igor assume o lugar de Júlio Nadcimento, com o esquema voltando ao 3-5-2. Segundo o regulamento da Taça Rio, os times de um grupo duelam com os da outra chave em turno único. Ao fim, os dois primeiros colocados de cada grupo se garantem nas semifinais do segundo turno.

MACAÉ X FLAMENGO Local: Estádio Cláudio Moacyr Horário: 19h30(de Brasília) Árbitro: Rafael Martins de Sá (RJ) Assistentes: Carlos Henrique Alves de Lima e Filho (RJ) e Márico Moreira de Queiróz (RJ) MACAÉ: Luis Cetin, Igor, Admilton e Vladimir; Marcelo, Charles, Lepu, Alex e e Lucas Gabriel; Matheus Babi e Pipico Técnico: Josué Teixeira FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Léo Duarte, Thuler e Miguel Trauco; Jonas, Willian Arão, Lucas Paquetá e Vinícius Junior; Geuvânio e Felipe Vizeu Técnico: Paulo César Carpegiani

não ganhou na Taça Rio, onde tem dois pontos. O Boavista foi derrotado pelo Flamengo por 3 a 0 na quarta-feira e aparece com seis pontos, na quarta posição do Grupo C. Porém, os times brigam em um confronto direto por uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Os dois primeiros na classificação geral, que leva em consideração o somatório dos dois turnos, vão para a Quarta Divisão. Não competem os quatro grandes, já garantido na elite nacional, e o Volta Redonda, que joga a Série C. Com 15 pontos nesta classificação geral, o

Boavista se garante na Série D se ganhar o jogo. O Bangu, com dez pontos, tenta manter o sonho vivo. - O nosso pensamento é o de vencer o Bangu e atingir mais um objetivo importante no Campeonato Carioca. Queremos também a vaga na semifinal da Taça Rio - disse Eduardo Allax, treinador do Boavista. Já pelo regulamento da Taça Rio, os times de um grupo duelam com os da outra chave em turno único. Ao fim, os dois primeiros colocados de cada grupo se garantem nas semifinais do segundo turno.

De olho no resto da temporada, Botafogo mira mais reforços Rio A contratação do atacante Rodrigo Aguirre, de 23 anos, animou os torcedores do Botafogo. O uruguaio é visto como uma esperança para fortalecer o ataque do Glorioso. Porém, a ideia da diretoria não é parar por aí. A expectativa é que pelo menos mais três nomes possam ser contratados antes do começo do Campeonato Brasileiro. As posições estão sendo discutidas com o técnico Alberto Valentim. A estratégia utilizada pelo presidente Nelson Mufarrej foi a de priorizar o Campeonato Brasileiro, uma ve z que o projeto para 2018 é conquistar uma vaga na Copa Libertadores. Assim, o Campeonato Carioca vem sendo utilizado como um vestibular. O que os dirigentes não esperavam é que o

preço pago fosse tão alto. A eliminação na Copa do Brasil foi um baque nos cofres do clube e gerou o primeiro “reprovado”, o técnico Felipe Conceição, demitido. Durante o próprio Estadual o clube já trouxe alguns reforços de olho no Brasileiro. Do Corinthians vieram o zagueiro Yago e o lateral-esquerdo Moisés, que já assumiu a condição de titular. O volante Marcelo, ex-Vitória, também foi contratado. O clube ainda pretende reduzir o elenco, abrindo espaço na folha salarial. Alguns nomes fora dos planos de Alberto Valentim podem ser negociados e usados como moeda de troca. Neste cenário o mais valorizado é o zagueiro argentino Joel Carli, há pouco tempo tido como titular absoluto. O clube ainda corre atrás de receitas. A direto-

ria vai denunciar o Cruzeiro à CBF pelo não pagamento de parte da transferência do volante Bruno Silva ao clube mineiro. Ainda faltam R$ 1 milhão que não foram quitados, o que deveria ter acontecido em 12 de fevereiro. Dentro de campo o time segue se preparando para a partida contra o Volta Redonda, no próximo domingo, às 17h(de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), pela quinta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. Neste sábado a definição do time acontecerá e logo depois do treino previsto pela manhã a delegação embarca para a Cidade do Aço. O Alvinegro aparece na segunda posição do Grupo C com dez pontos, um a menos que Fluminense e Portuguesa, que dividem a liderança.


CONCURSO

Beleza sem idade Volta Redonda escolhe a ‘Rainha da Terceira Idade’; cada polo do programa terá uma vencedora

lazer@diariodovale.com.br Sul Fluminense, sábado, 10 de março de 2018

 Página 4

Cultura e gargalhada por bairros de Angra dos Reis Transpetro leva ações de cultura e cidadania aos moradores da Caputera e Monsuaba neste final de semana; atividades são gratuitas Fotos: Divulgação

Hoje tem palhaçada? Tem sim senhor! O Instituto Cultural Escola Livre de Palhaços (ESLIPA) apresentará neste final de semana, dias 10 e 11, em Angra dos Reis, o projeto “De Olho no Duto”. A iniciativa, que tem como foco principal oferecer aos moradores um dia inteiro de atividades culturais, incluindo oficinas circenses, cortejos, espetáculos e rodas de conversas, vai acontecer nos bairros Caputera e Monsuaba, a partir das 14h. E a programação cultural promete agradar pessoas de todas as idades. A partir das 14h um cortejo abre a programação com a presença de palhaços, malabaristas e pernas-de-pau, tocando seus instrumentos, cantando músicas e convidando o público para participar da programação. Em seguida, será a hora da oficina circense, com aula de circo para crianças, jovens, adultos e idosos, que poderão vivenciar algumas modalidades circenses – malabares, perna de pau e palhaços. Logo após, haverá a apresentação do espetáculo “Lá vem o circo” que mostra uma trupe de palhaços chegando em uma comunidade e buscando um lugar para montar seu Circo Pinico sem Tampa. “Lá vem o circo” mostra a peculiar relação entre os palhaços, permeada por situações de amizade, conflitos e conquistas. A programação se encerra com a roda de conversa, um bate-papo entre os artistas e moradores, após o término da apresentação, para identificar as manifestações artísticas existentes nas comunidades e fortalecer as iniciativas culturais dos moradores. Lilian Moraes e Richard Riguetti, artistas e responsáveis pelo Instituto ESLIPA, destacam que o projeto visa a promoção dos direitos humanos e da cidadania, a inclusão social, o respeito a diversidade humana e cultural das comunidades. - Todas as atividades do projeto serão realizadas em espaços públicos abertos, com o compromisso de promover o diálogo permanente entre os artistas e a comunidade, para identificar, potencializar e valorizar as iniciativas artísticas e culturais de cada região - explicam os artistas. Para a Transpetro “o projeto tem premissas básicas de transformação social, calcadas na formação cidadã, no engajamento das comunidades, na atuação forte da divulgação dos canais de comunicação e ações e informações preventivas, além do desenvolvimento do senso de pertencimento local”.

O projeto O projeto “De Olho no Duto” contemplará 39 comunidades do Rio de Janeiro, vizinhas às instalações dos dutos da Transpetro, entre elas: Itaguaí, Mangaratiba, Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Macaé, Quissamã, Magé, Paracambi, Miguel Pereira, Guapimirim, Rio das Ostras, Carapebus, Campos e Casimiro de Abreu, Paracambi. As apresentações acontecerão durante um período de dois anos, envolvendo mais de 600 atividades artísticas, como oficinas, cortejos, espetáculos e rodas de conversas. Ao todo, estima-se que 150 mil pessoas de todas as idades serão favorecidas.

‘De Olho no Duto’: Programação inclui oficinas circenses, cortejos, espetáculos e rodas de conversas

Serviço Dia 10/03 - Angra dos Reis Comunidade: Caputera Endereço: Campinho do José Rosa 14h - Cortejo 15h - Oficina de circo 16h – Espetáculo “Lá vem hoje” 17h - Roda de conversa

Dia 11/03 - Angra dos Reis Comunidade: Monsuaba Endereço: Rua Padre Antônio Miller, nº 24, antigo 334 - Associação de Moradores e Amigos Nova Amanhã 14h - Cortejo 15h - Oficina de circo 16h – Espetáculo “Lá vem o circo” 17h – Roda de conversa


CADERNO LAZER

2 DIÁRIO DO VALE 

SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

HORÓSCOPO

CIRCUITO ***A programação dos cinemas, exposições, teatro e música são fornecidos pelos realizadores dos eventos, e pode sofrer alterações.

Divulgação

*** O Cine Gacemss, em Volta Redonda, está em recesso.

Estreia

O Destino de uma Nação De Joe Wright. Com Gary Oldman, Kristin Scott Thomas, Ben Mendelsohn. HISTÓRICO, DRAMA - Winston Churchill (Gary Oldman) está prestes a encarar um de seus maiores desafios: tomar posse do cargo de Primeiro Ministro da Grã-Bretanha. Paralelamente, ele começa a costurar um tratado de paz com a Alemanha nazista que pode significar o fim de anos de conflito. Cine Show Volta Redonda – Sala 4, sessão às 18h50, dublado. Telefone (24) 33425604. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (   ), “Cinema com rapadura” (   e meia), “Cinemascope” (), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (     ), “Rubens Ewald” ( e meia), “Veja” (Sem avaliação).

O Passageiro De Jaume Collet-Serra. Com Liam Neeson, Vera Farmiga, Patrick Wilson. SUSPENSE, AÇÃO - Durante o seu trajeto usual de volta para casa, um vendedor de seguros (Liam Neeson) é forçado por uma estranha misteriosa (Vera Farmiga) a descobrir a identidade de um dos passageiros do trem em que se encontra antes da última parada. Com a rotina quebrada, o homem se encontra no meio de uma conspiração criminosa. Cine Show Resende – Sala 2, sessão às 16h55, dublado. Sessão às 21h05, legendado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 4, sessões às 17h10, 19h15 e 21h20, dublado. Telefone (24) 33672013. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (Sem avaliação), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Os Farofeiros De Roberto Santucci. Com Maurício Manfrini, Cacau Protásio, Danielle Winits. Filme nacional. COMÉDIA - Quatro colegas de trabalho se programam para curtir o feriado prolongado em uma casa de praia e, chegando lá, descobrem que se meteram em uma tremenda roubada. Para começar o destino não é Búzios, mas Maringuaba; a residência alugada é encontrada caindo aos pedaços, bem diferente do prometido; a praia está sempre cheia; e as confusões são inúmeras. Cine Show Volta Redonda – Sala 2, sessões às 15h, 17h05, 19h10 e 21h15. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Barra Mansa – Sala 1, sessões às 14h50, 16h55, 19h e 21h05. Telefone (24) 3323-1097. Cine Show Agulhas Negras, em Resende – Sala 1, sessões às 14h50, 16h55, 19h e 21h05. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 2, sessões às 14h50, 16h55, 19h e 21h05. Telefone (24) 3367-2013. Cine Show Barra do Piraí – Sala 1, sessões às 14h50, 16h55, 19h e 21h05. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 2, sessão às 14h15. Sala 3, sessões às 16h45, 18h45 e 21h15. Telefone (24) 3355-0759. Cine Glória Valença – sessões às 16h30, 19h e 21h30. Terça-feira (13) não terá sessão deste filme. Telefone (24) 2453-3040. Cine 9 de Abril, em Volta Redonda, sessões às 17h, 19h e 21h. Telefone (24) 3348-5014. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” ( e meia), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Pequena Grande Vida De Alexander Payne. Com Matt Damon, Kristen Wiig, Christoph Waltz. COMÉDIA, COMÉDIA DRAMÁTICA - Na cidade de Omaha, as pessoas descobrem a possibilidade de reduzir de tamanho para uma versão minúscula, a fim de terem menos gastos vivendo em pequenas comunidades que se espalham pelo mundo. Encantado após ter contato com amigos que passaram pelo processo, um homem (Matt Damon) decide convencer sua esposa (Kristen Wiig) a adotar o curioso novo estilo econômico de vida. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 1, sessão às 14h30, dublado. Telefone (24) 3355-0759. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (   ), “Cinema com rapadura” (), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” ( ), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” ( e meia).

Continuação

A Forma da Água De Guillermo del Toro. Com Sally Hawkins, Michael Shannon, Richard Jenkins. FANTASIA, DRAMA, ROMANCE Década de 60. Em meio aos grandes conflitos políticos e transformações sociais dos Estados Unidos da Guerra Fria, a muda Elisa (Sally Hawkins), zeladora em um laboratório experimental secreto do governo, se afeiçoa a uma criatura fantástica manti-

‘Somos Tão Jovens’ Festa será realizada neste sábado, em Volta Redonda, no Clube dos Funcionários; banda Legião Urbana Oficial Cover será uma das atrações “Somos Tão Jovens” é uma mega festa temática dos anos 80/ 90, que vai te fazer lembrar de bons momentos. Além da estrutura de som, luz e decoração, pela primeira vez serão reunidos na mesma noite os artistas e músicos que marcaram uma geração das grandes casas da região. A dupla Julinho Marassi & Gutemberg vai relembrar, através do seu repertório, a inesquecível época dos anos do Appaloosa. O cantor Jorge Guilherme, agora Jorge Guilherme e os 220, vai lembrar o sucesso da boate Porão. A banda Madame Zero foi escalada para lembrar a grande fase deles no Cana Café. E os DJs Sérgio Mama e Flavinho estão com a responsabilidade de animar a pista com os clássicos da dance music, representando as festas Happy Days e Ploc. E, como o próprio nome da festa diz, “Somos Tão Jovens” vai homenagear a Legião Urbana. A banda continua viva por meio das suas músicas que estão sempre tocando nas rádios do Brasil e sendo cantadas pela legião de fãs. Desse modo, nasceu a idéia de convidar a banda Legião Urbana Oficial Cover, de Campinas SP, que promete “Mais Uma Vez” fazer “Pais e Filhos”, “Índios”, “Eduardo e Mônica”, viajarem no “Tempo perdido”, “Ainda é cedo”, “Faroeste caboclo” e muitas outros sucessos.

Serviço Evento: “Somos Tão Jovens” Data: 10 de março Abertura: 21h Local: W CLUB Endereço: Clube dos Funcionários, PET - Rua 90, s/n

da presa e maltratada no local. Para executar um arriscado e apaixonado resgate ela recorre ao melhor amigo Giles (Richard Jenkins) e à colega de turno Zelda (Octavia Spencer). Cine Show Volta Redonda – Sala 3, sessão às 16h40, legendado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Agulhas Negras, em Resende – Sala 2, sessão às 16h, legendado. Telefone (24) 33546224. Cine Show Barra do Piraí – Sala 2, sessão às 16h20, legendado. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 2, sessão às 19h, lengendado. Telefone (24) 3355-0759. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

A Maldição da Casa Winchester De Michael Spierig, Peter Spierig. Com Helen Mirren, Jason Clarke, Sarah Snook. TERROR, BIOGRAFIA - Herdeira de uma empresa de armas de fogo, Sarah Winchester (Helen Mirren) está convicta de que é assombrada pelas almas mortas através do rifle da família Winchester. Após as repentinas mortes do marido e do filho, ela decide construir uma mansão para afastar os espíritos e ao avaliá-la o psiquiatra Eric Price (Jason Clarke) percebe que talvez sua obsessão não seja tão insana quanto parece. Cine Show Volta Redonda – Sala 4, sessões às 14h50, 16h50 e 21h15, dublado. Telefone (24) 33425604. Cine Show Resende – Sala 1, sessões às 19h15 e 21h15, dublado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 3, sessões às 19h10 e 21h10, dublado. Telefone (24) 3367-2013. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 1, sessões às 17h, 19h30 e 21h30, dublado. Telefone (24) 3355-0759. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Cinquenta Tons de Liberdade De James Foley. Com Dakota Johnson, Jamie Dornan, Eric Johnson. ERÓTICO, DRAMA, ROMANCE - Superados os principais problemas, Anastasia (Dakota Johnson) e Christian (Jamie Dornan) agora têm amor, intimidade, dinheiro, sexo, relacionamento estável e um promissor futuro. A vida, no entanto, ainda reserva surpresas para os dois e fantasmas do passado como Jack Hyde (Eric Johnson) e Elena Lincoln (Kim Basinger) voltam a impedir a paz do casal. Adaptação da última parte da trilogia de E. L. James iniciada em Cinquenta Tons de Cinza (2015). Cine Show Volta Redonda – Sala 3, sessão às 19h, dublado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Resende – Sala 2, sessões às 14h50 e 19h, dublado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 3, sessões às 15h e 17h05, dublado. Telefone (24)

Valores: R$ 20 feminino R$ 30 masculino R$ 100 mesas (ingressos a parte) Reserva de mesas na secretaria do clube: (24) 2102-2750

3367-2013. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 2, sessão às 16h30, dublado. Telefone (24) 3355-0759. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” ( e meia), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Duda e os Gnomos De Peter Lepeniotis. Com Becky G, Josh Peck, Tara Strong. Filme em 2D e 3D. ANIMAÇÃO - Liam e sua mãe, Catherine, estão de mudança novamente. Uma nova vida os espera na casa da Tia Sylvia, que é rodeada por estranhos gnomos. Com o tempo Liam percebe que coisas esquisitas estão acontecendo ao redor e aos poucos uma grande amizade surge entre o garoto e os curiosos seres, que têm como propósito proteger a casa dos trolls. Cine Show Volta Redonda – Sala 3, sessão às 14h50, dublado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Barra Mansa – Sala 2, sessões às 14h50 e 16h40, dublado. Telefone (24) 3323-1097. Cine Show Resende – Sala 1, sessão às 15h10, dublado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 4, sessão às 15h20, dublado. Telefone (24) 33672013. Cine Show Barra do Piraí – Sala 2, sessão às 14h30, dublado. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” ( e meia), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

O Touro Ferdinando De Carlos Saldanha. Com John Cena, Kate McKinnon, David Tennant. Filme em 2D e 3D. ANIMAÇÃO, COMÉDIA - Ferdinando é um touro com um temperamento calmo e tranquilo, que prefere sentar-se embaixo de uma árvore e relaxar ao invés de correr por aí bufando e batendo cabeça com outros touros. À medida que vai crescendo, ele se torna um touro forte e grande, mas com o mesmo pensamento. Quando cinco homens vão até sua fazenda para escolher o maior, melhor e mais forte animal para touradas em Madri, Ferdinando é escolhido acidentalmente. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 4, sessão às 13h35, dublado. Telefone (24) 3355-0759. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (), “Veja” (Sem avaliação).

Pantera Negra De Ryan Coogler. Com Chadwick Boseman, Michael B. Jordan, Lupita Nyong’o. Filme em 2D e 3D. AÇÃO, AVENTURA, FICÇÃO CIENTÍFICA, FANTASIA - Após a morte do rei T’Chaka (John Kani), o príncipe T’Challa (Chadwick Boseman) retorna a Wakanda para a cerimônia de coroação. Nela são reunidas as cinco tribos que compõem o reino, sendo que uma delas, os Jabari, não apoia o atual governo. T’Challa logo recebe o apoio de Okoye (Danai Gurira), a chefe da guarda de Wakanda,

da irmã Shuri (Laetitia Wright), que coordena a área tecnológica do reino, e também de Nakia (Lupita Nyong’o), a grande paixão do atual Pantera Negra, que não quer se tornar rainha. Juntos, eles estão à procura de Ulysses Klaue (Andy Serkis), que roubou de Wakanda um punhado de vibranium, alguns anos atrás. Cine Show Volta Redonda – Sala 1, sessões às 15h45, 18h30 e 21h10, dublado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Barra Mansa – Sala 2, sessões às 18h30 e 21h10, dublado. Telefone (24) 3323-1097. Cine Show Agulhas Negras, em Resende – Sala 2, sessões às 18h30 e 21h10, dublado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 1, sessões às 15h30, 18h20 e 21h10, dublado. Telefone (24) 3367-2013. Cine Show Barra do Piraí – Sala 2, sessão às 21h, dublado. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 3, sessão às 14h, dublado. Sala 4 , sessões às 16h, 18h45 e 21h20, dublado. Telefone (24) 33550759. Cine Glória Valença – sessões às 18h45 e 21h30, dublado. Segunda-feira (12) não terá sessão deste filme. Telefone (24) 2453-3040. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (    ), “Cinemascope” (), “O Globo” ( e meia), “Omelete” (    e meia), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” ( e meia).

Áries - (21-3 a 20-4) - Espetacular influência astral. Poderá realizar grandes e lucrativos negócios, ter sua situação financeira elevada, receber dinheiro considerado perdido. Você estará buscando descobrir o seu verdadeiro papel na sociedade. O período exige cautela.

Libra - (23-9 a 22-10) - Dia que promete sucesso nos negócios, no trabalho e nas novas empresas que fizer. Os amigos estarão disposto a colaborar e a vida amorosa e familiar que lhe dará muita felicidade. A posição do planeta Júpiter confere benefícios inesperados.

Touro - (21-4 a 205) - Evolução da mente e do espírito está previsto para você nos próximos dias. Contudo, deverá evitar precipitações ao realizar negócios e tome cuidado com acidentes e com sua saúde. Sua ligação com a família também estará fortemente impulsionada.

Escorpião - (23-10 a 21-11) - Cuide do corpo. Se você não aliviar as tensões, poderá ter problemas digestivos. Algumas perturbações passageiras com os filhos estão previstas hoje. Aja com calma e auto confiança, que tudo tende a dar certo. Melhora da saúde e das chances gerais.

Gêmeos - (21-5 a 20-6) - Dia em que terá forte magnetismo pessoal, o que contribuirá para o seu sucesso, junto às mais altas personalidades. O êxito financeiro será óbvio e conseguirá obter o que pretende no trabalho. Mantenha a responsabilidades em todos seus assuntos. Câncer - (21-6 a 22-7) Haja com bastante meticulosidade e tudo irá cada vez melhor. Cuide da saúde e dê mais atenção ao lar. Durante o período você se sentirá mais consciente dos seus atos, favorecendo, portanto, todos os seus afazeres, principalmente aqueles relacionados ao seu trabalho. Leão - (23-7 a 22-8) - Dia que, se usar sua inteligência, conseguirá solucionar os mais difíceis problemas, tanto financeiros, como profissionais. Vida romântica cheia de felicidade, ternura e compreensão. Na área amorosa, sentindo-se você, dotado de mais razão e menos sentimentos, tudo estará ao seu favor. Virgem - (23-8 a 22-9) - Seja mais confiante e mais empreendedor que conseguirá os melhores resultados, neste dia. Todavia, a fase não lhe será das mais propícias, principalmente no que se refere ao dinheiro. Hoje é um dia para você fazer um balanço geral do seu comportamento dos últimos tempos.

Sagitário - (2211 a 21-12) Procure evitar excessos alimentares. A influência da lua ajuda a superar a timidez e os bloqueios emocionais. Os transportes estão favorecidos, bem como viagens por via aérea. As dificuldades serão solucionadas com certa facilidade. Capricórnio (22-12 a 20-1) - Invente qualquer motivo convincente para se encontrar com aquela pessoa que é muito especial para você. Dia em que poderá solicitar a colaboração de amigos e parentes para resolver mais facilmente algum problema sério que tiver. Aquário - (21-1 a 19-2) - Você está com tendência a se desligar completamente do mundo e esquecer-se dos seus compromissos. Fluxo astral dos mais propícios a todos os seus interesses materiais e profissionais. Esforce-se o mais que puder, que conseguirá realizar todos os seus anseios e desejos. Peixes - (20-2 a 20-3) - Pessoas nascidas sob este signo, terão possibilidades de sucesso de algum modo. As influências dos luminares lua e sol prometem êxito. Boa indicação para a vida sentimental a partir de amanhã. Viverá uma boa fase astral no próximo período.

Três Anúncios para um Crime De Martin McDonagh. Com Frances McDormand, Woody Harrelson, Sam Rockwell. DRAMA - Inconformada com a ineficácia da polícia em encontrar o culpado pelo brutal assassinato de sua filha, Mildred Hayes (Frances McDormand) decide chamar atenção para o caso não solucionado alugando três outdoors em uma estrada raramente usada. A inesperada atitude repercute em toda a cidade e suas consequências afetam várias pessoas, especialmente a própria Mildred e o Delegado Willoughby (Woody Harrelson), responsável pela investigação. Cine Show Volta Redonda – Sala 3, sessão às 21h05, legendado. Telefone (24) 33425604. Cine Show Resende – Sala 1, sessão às 17h, legendado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Barra do Piraí – Sala 2, sessão às 18h45, legendado. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 2, sessão às 21h15, legendado. Telefone (24) 33550759. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (), “Cinemascope” (    e meia), “O Globo” (     ), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Dr. José Antônio Siqueira Psicólogo - Fonoaudiologo CRP 10148

CRFa. 8807

"Dê um novo sentido à sua vida" CONVÊNIOS: CAPS, Banco do Brasil, Petrobrás, CAARJ, Saúde Bradesco e Medservice

Novo Endereço

BARRA MANSA

VOLTA REDONDA

Av. Domingos Mariano, nº83 Sl 804 Ed. Vila Lobos - Centro

Rua 25 A, nº23 - Sala 615, Ed. CBS - Centro

Tel: (24) 98803-1243

Psicoterapia Reichiana Integração Mente & Corpo Maria Isabel A. Soares

CADERNO

Lazer &Cia lazer@diariodovale.com.br

EXPEDIENTE Editado pela Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. CNPJ 07.506.590/0001-78 Rua 25-A, nº 23, sala 101 - Edifício CBS Vila Santa Cecília - Volta Redonda - CEP 27260-160

CRP 05/21711

Av. Paulo de Frotim, 590 sl 901 - Ed. Plaza Business Center Aterrado - Volta Redonda

Tel: (24) 3344-0375


Mário Sérgio CADERNO LAZER

SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

DIÁRIO DO VALE 3 

www.diariodovale.com.br/noticias/mario-sergio mariosergio@diariodovale.com.br

TÚNEL

DO

Fotos: Divulgação

TEMPO

*Reino Unido e França reconhecem a independência de Zanzibar (1862). *Alexander Graham Bell faz a primeira chamada telefônica dizendo: “Senhor Watson, venha aqui, eu quero vê-lo” (1876). *A Costa do Marfim torna-se uma colônia francesa (1893). *Primeira Guerra Mundial: início da Batalha de Neuve Chapelle. Uma ofensiva britânica na região de Artois (1915). *Adolf Hitler ordena a entrada do exército alemão em Praga, desrespeitando o Acordo de Munique (1939). *Fulgêncio Batista lidera um golpe de Estado bemsucedido em Cuba (1952). *Nasce uma das maiores instituições de ensino superior de Minas Gerais, o Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH) (1964). *Os Estados Unidos estabelecem um embargo às importações do petróleo líbio, devido este país apoiar grupos terroristas (1982). *Paul McCartney recebe o título de Sir (1997). *Soldados estado-unidenses estacionados no Golfo Pérsico começam a receber as primeiras vacinações contra o Anthrax (1998). *Descoberta a terceira catarata mais alta do mundo em Chachapoyas no Peru (2006). *A Mars Reconnaissance Orbiter pousa em Marte (2006).

Os membros dos Conselhos Curador e Diretor da Fundação Oswaldo Aranha empossados nesta terça-feira

Zig-Zag *Hoje: Dia do Conservador, Dia do Sogro, Dia do Telefone. *Os membros do Conselho Curador e Diretor da Fundação Oswaldo Aranha, FOA, foram empossados nesta terça-feira, no campus Olezio Galotti, em Três Poços. *Os componentes irão comandar a instituição de fevereiro de 2018 a março de 2022. *Fazem parte dos Conselhos: Dauro Peixoto Aragão, Eduardo Guimarães Prado, Antônio de Almeida Neto, Honório Possidente Fagundes, Jaime Veras Correia, Júlio César Meyer, Luiz Alípio de Carvalho Pereira, Sergio Luiz Manes Lobo, Walter Luiz Moraes Sampaio da Fonseca, Wanderley Ferreira Botelho, Samuca Silva (Representante da PMVR), Iram Natividade Pinto, José Tarcísio Cavaliere. *E, também presentes na foto, Nilma Reis, Secretária Geral da FOA; Carlos José Pacheco, Pró-Reitor Acadêmico do UniFOA; Jairo Jogaib, Superintende Executivo da FOA; e José Ivo de Souza, Superintende Geral da FOA.

Beleza Rara *”O que definimos como beleza?”. O fotógrafo Phillip Toledano lançou há 5 anos, o livro ‘Um Novo Tipo de Beleza’, onde reuniu 60 retratos de 27 modelos para discutir “a beleza que criamos para nós mesmos”, segundo o texto que abre a publicação. *”Acho que estamos expandindo a definição do que significa a aparência humana”, disse, na época do lançamento em entrevista à BBC Brasil. *”Aqui vai uma analogia: há 22 anos, se uma pessoa dissesse que queria cobrir os braços com tatuagens e colocar um piercing na língua, possivelmente a chamaríamos de louca”, acrescentou. *”Mas, hoje em dia, é totalmente normal. Então, em 22 anos, acho que as coisas que estamos fazendo com nossos corpos agora serão totalmente aceitáveis”. *Os modelos fotografados passaram pelas mais diversas intervenções médicas para fins estéticos.

Fernanda Nacaratti, Rafaela Drilard, Juliana Aragão, Ana Paula Delgado, Débora Xocaica e Carla Carvalho, em noite de homenagens do Hotel Bela Vista pelo Dia Internacional da Mulher

Sala Vip *Depois de três dias de ações voltadas para o Dia Internacional da Mulher, o Sider Shopping ainda dá mais uma chance hoje. *Na Praça de Eventos do Piso S, as mulheres terão diversos serviços gratuitos, como Quick Massage (massagem rápida), aferição de pressão arterial, medição de glicemia, spa dos pés, maquiagem e limpeza de pele. Tudo sem nenhum custo. *Aniversariantes do dia: o empresário Jairo Monção; Sabrina Ribeiro; Kátia Marquesine; Maria Helena Bitencourt; Célia Rodrigues Pontes; Carlos Antônio Xavier; Eduardo Manoel de Sá; Nath Friedrich.

Fernanda Nacaratti, Rafaela Drilard, Juliana Aragão, Ana Paula Delgado, Débora Xocaica, Carla Carvalho, Grazielli Selvatti, Fernanda Honório, Amélia Silva, Patrícia Cassila, Marli, Maria Emília, Rany e Marcela Perucio homenagens do Hotel Bela Vista, pelo Dia Internacional da Mulher

Fernanda e Carla Carvalho com representantes do CBMERJ: Capitão Patrícia Leal – Comandante do Quartel de Vassouras, Tenente Daline - Assistente Social do quartel de Volta Redonda e Sargento Lucia Helena- Militar Combatente do quartel de Volta Redonda, na homenagem ao Dia Internacional da Mulher


CADERNO LAZER

4 DIÁRIO DO VALE 

SÁBADO, 10 DE MARÇO DE 2018

CONCURSO

Beleza sem idade Volta Redonda escolhe a ‘Rainha da Terceira Idade’; cada polo do programa terá uma vencedora Gabriel Borges/SecomVR

Experiência de vida e beleza que transborda. Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado dia 8, a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel) promoveu o concurso “Rainha da Melhor Idade”, com idosas que participam do programa Melhor Idade em Movimento, da prefeitura de Volta Redonda. Nesta semana, o concurso reuniu 14 concorrentes, com idade variando de 69 a 80 anos, no ginásio da Ilha São João. A grande vencedora da etapa foi Martha Saldanha Lima, de 80 anos, que recebeu a coroa e a faixa de rainha. Cada polo do programa escolherá uma rainha. O prefeito Samuca Silva, que esteve presente no concurso, ressaltou a importância do investimento na terceira idade e nos programas voltados aos idosos. - Não podia deixar de prestigiar o evento que aumenta a autoestima, melhora a saúde, prolonga a expectativa de vida e traz in-

tegração aos participantes. Estamos investindo cada vez mais no bem estar dos nossos participantes da terceira idade - ressaltou o prefeito de Volta Redonda.

Desfiles As concorrentes desfilaram para um corpo de jurados e, posteriormente, responderam algumas perguntas sobre a importância dos projetos para a melhor idade e o impacto em suas vidas. Cada núcleo escolheu sua Rainha da Melhor Idade e participou do concurso municipal. - A ideia é que em outubro, quando é celebrado o Dia Internacional do Idoso, seja realizado a segunda fase do concurso com as vencedoras de cada núcleo, para ser escolhida a Rainha da Melhor Idade de Volta Redonda – disse a secretária municipal de Esporte e Lazer, Maria Paula Tavares. A dona Martha, uma das vencedoras, afirmou

que o prêmio vai muito além de um concurso de beleza. É uma integração entre todos os núcleos da cidade. “Fiquei muito feliz com prêmio. Porém, a amizade, o companheirismo e a lazer que temos no dia a dia é o mais importante para nós da terceira idade”, afirmou a nova rainha. O ginásio da Ilha São João ficou lotado. Quem também compareceu foi a Maria Cecília de Oliveira, de 66 anos. - Participo de tudo que acontece na terceira idade. Melhorei 100% após começar a frequentar as aulas, as festas e os eventos da terceira idade. Estou muito mais feliz agora - contou. Sebastiana Aparecida Silva, de 71 anos, concordou e complementou: “Antes de vir para cá, eu sofria de depressão e de várias dores no corpo. Num passe de mágica, melhorei e não sinto mais nada. Durmo bem melhor e convivo com meus familiares com mais disposição”.

Beleza na terceira idade: Cada polo está escolhendo sua representante

MÚSICA

CULTURA

Cantor Marcelo Pena se apresenta no Rio de Janeiro neste final de semana

Associação Roquette Pinto vai gerir Cinemateca Brasileira

Divulgação

Neste domingo, dia 11, o cantor voltar redondense Marcelo Pena, O Pena, se apresenta no Rio de J a n e i r o, e m Va r g e m G r a n d e , n o e ve n t o “Quintal do Pagodinho”. A festa terá a participação de vários cantores, entre eles Mumuzinho, e será uma homenagem ao Dia Inter nacional da Mulher. Com 18 anos de car reira, o cantor acabou de lançar uma música em homenagem ao jogador de futebol Ne ymar. “Príncipe da Bola” é um resumo da trajetória do atacante do Paris Saint Ger main e da Seleção Brasileira. Além de cantor, Pena é compositor e intérprete, e já participou de gravações e apresentações com diversos grupos musicais. Trabalho: Marcelo Pena acabou de lançar a música ‘Príncipe da Bola’

A Associação de Comunicação Educativa Roquette Pinto (Acerp) firmou termo de contrato com os ministérios da Cultura (MinC) e da Educação (MEC) para gerir a Cinemateca Brasileira. Com o contrato, a Acerp assumirá a gestão integral dos núcleos de Preservação, Documentação e Pesquisa, Difusão, Administração e Tecnologia da Informação da Cinemateca. A vigência do contrato é até 2021. As informações são da Agência Brasil. Na solenidade, o ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, explicou que, com a assinatura do contrato, a Organização Social (OS) passa a ser responsável pela gestão da Cinemateca Brasileira e, por não ser um órgão da administração pública, “tem uma série de facilidades para operar essa gestão”. Ele disse que a gestão por OS permitirá a contratação de novos funcionários e a existência de recursos de outras fontes que não o orçamento do Ministério da Cultura. Indagado se não haveria alguma irregularidade no contrato, pois a Acert já tem um contrato com o MEC, envolvendo a TV Escola [e que, por força do Decreto 9.190, a OS não poderia ter mais de um contrato com o governo federal], o ministro afirmou que não há problema algum

e que o contrato foi analisado por toda a área jurídica dos dois ministérios e também pelo Planejamento. “O decreto não determina que só pode ter um contrato. Ele determina que só pode ter contrato com um órgão da administração pública federal. E o órgão em questão é o Ministério da Educação. Por isso, encontramos essa maneira: estamos celebrando esse contrato no âmbito do contrato que já existia entre a Acerp e o Ministério da Educação. O Ministério da Cultura entra como interveniente, e incluímos a Cinemateca nesse contrato. O que diz o decreto está plenamente preservado e respeitado e se dá na mais absoluta legalidade”, esclareceu Sá Leitão. Ele informou que, para este ano, o valor do contrato é de R$ 9 milhões, em recursos oriundos do Ministério da Cultura. “Além dos R$ 9 milhões que o MinC está colocando para o custeio da Cinemateca, por meio do contrato de gestão, teremos um valor a ser definido, superior a esse, para o investimento na política de preservação, restauração e difusão do acervo”, acrescentou. Com o contrato firmado na terça-feira, a Cinemateca, mais antiga instituição de cinema do país e responsável pela preservação do maior acervo audiovisual da Amé-

rica Latina, será a primeira instituição cultural a ser administrada por uma OS. De acordo com Sá Leitão, até o fim deste ano, mais três instituições culturais – um museu, o Teatro Brasileiro de Comédia (TBC) e o Centro Técnico Audiovisual – serão administradas por organizações sociais. O ministro adiantou que será preservada a equipe atual da Cinemateca, formada pela coordenadora-geral, Olga Futema, mais 11 servidores públicos, três gestores do Ministério do Planejamento e 42 técnicos especializados, cujo contrato se encerraria em abril. “Este número é suficiente, mas para um plano emergencial. Precisamos ampliar o quadro assim que for possível. O básico seria em torno de 85 técnicos”, disse Olga. Para ela, a parceria veio em boa hora. “Esse modelo vinha sendo discutido na Cinemateca desde 2008. A expectativa é grande.” Também participou da solenidade, o ministro da Educação, Mendonça Filho, que destacou a importância do contrato para preservar a “memória histórica” do cinema brasileiro. “Qualquer país tem que preservar seus valores culturais e sua história, e parte de nossa história é contada pelo cinema brasileiro”.

PROJETO

Interior marca presença no Calendário Rio de Janeiro a Janeiro Divulgação

Criar um fluxo constante de turistas durante o ano todo no Rio de Janeiro, contribuindo para a geração de renda e empregos no Estado. Esse é o objetivo do Calendário Rio de Janeiro a Janeiro lançado no MAR (Museu de Arte do Rio), e que teve em sua seleção 17% de atrações do interior. Trata-se de um calendário oficial de eventos que depois de selecionados, poderão captar recursos para a realização. Todo o processo para a escolha dos eventos foi realizada pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), contratada pelo Ministério da Cultura. Foi usada uma metodologia criteriosa para selecionar aqueles que têm a chancela do programa Rio de Janeiro a Janeiro. Segundo Sérgio Sá Leitão, Ministro da Cultura, os fatores levados em consideração durante todo o processo foram im-

pactos no turismo, geração de empregos e renda, inclusão social, atração de investimentos e potencial de continuidade e expansão. - É importante que o Governo Federal atue em sinergia com a Prefeitura e com o Governo Estado. A conexão entre cultura e turismo é essencial para o desenvolvimento econômico das cidades. O turismo pode patrocinar eventos culturais e se aproveitar desse fluxo de visitantes que geram emprego e renda - disse. Foram usados como critério de seleção ainda o ROI (Retorno do Investimento) e o IAE (índice de alavancagem) que divide o que o evento gera em impacto econômico pelo investimento total. Dos 831 eventos inscritos, 617 cumpriram os critérios mínimos estabelecidos. A partir daí foram aprovados 154 que

trarão um retorno econômico maior para a cidade e Estado. Nilo Sergio Felix, secretário de estado de Turismo, elogiou o trabalho meticuloso da FGV e destacou a importância dos eventos para impulsionar a cadeia produtiva do segmento turístico. - A baixa temporada é sempre motivo de preocupação, por ser, tradicionalmente, fraca em fluxo de turistas. O calendário é fundamental para atrair visitantes durante o ano todo e ter 26 eventos do interior em um grande projeto como esse é sensacional. O impacto na economia, segundo a pesquisa da FGV, é enorme. A cada R$ 1 investido são gerados R$ 13 na economia local. E essa geração de renda para os municípios é muito importante - falou. Entre os eventos selecionados temos o Carnaval de Saquarema e de Angra dos

Reis, Festa do Chocolate de Petrópolis, Ostrascycle em Rio das Ostras, o Festival da Cachaça, Cultura e Sabores de Paraty e o Festival Norte Fluminense de Música e Arte, que beneficia municípios como, São Fidelis, Quissamã, Macaé, Campos e São João da Barra. Os 154 projetos com as melhores avaliações serão chancelados pelo programa e participarão de rodadas de pitching com as empresas estatais, quando poderão apresentar suas ideias em busca de patrocínio. A previsão é de que estes eventos injetem até R$13,2 bi na economia, gerando 351 mil empregos e R$773 milhões em tributos, para um investimento previsto de R$1,06 bilhão na realização. O Pro g rama Rio de Janeiro a Janeiro visa contribuir para a revita-

Lançamento: Mais de 20 eventos conquistaram uma vaga no projeto lização econômica do Estado por meio do apoio à realização de eventos capazes de atrair investimentos e turistas. Segundo estudo da FGV, um incremento de 20% no fluxo de turistas tem um impacto de R$6.1 bilhões

na economia do Estado e ger a ao menos 170 mil novos empregos. O Governo Federal vai investir R$150 milhões nos eventos selecionados, por meio de patrocínios de empresas estatais e das leis federais de incentivo.

8653 diario sabado 10 03 2018  
8653 diario sabado 10 03 2018  
Advertisement