Page 1

ASSINANTES 1ª EDIÇÃO RJ

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

Presidente: Aurélio José Fernandes de Paiva

ASSINANTE - VENDA PROIBIDA

DIÁRIO DO VALE 1 

Sul Fluminense, sexta-feira, 13 de janeiro de 2017 Ano 24 • Edição nº 8261

diariodovale.com.br | Preço: R$ 1,50

PM enfrenta bandidos e tiroteio deixa um morto e quatro feridos Bando seria do Rio e segundo a polícia, tiros começaram após os agentes abordarem um carro em que os criminosos estavam Cedida pela Polícia Militar

Um homem morreu e outros quatro ficaram feridos após trocarem tiros com policiais militares da Companhia da Valença, do 10º Batalhão da PM (Barra do Piraí), na madrugada de ontem. O tiroteio ocorreu depois que os agentes interceptarem o Ecosport, com placa do Rio, em que eles estavam, no bairro Canteiro. Tentando furar o bloqueio policial, os homens chegaram a bater no veículo da PM. No Ecosport foram encontrados 200 papelotes de cocaína, uma pistola e um revólver, de calibre 38. Ainda de acordo com os agentes, os suspeitos, que seriam de uma quadrilha do Conjunto Amarelinho, em Irajá, no Rio, pretendiam estabelecer um ponto de venda de drogas na cidade. 

POLÍCIA | Página 6

No bairro Canteiro: Criminosos atiraram nos policiais e chegaram a bater num carro da PM tentando fugir do bloqueio

DISTRITO DE AMPARO

Prefeitura de BM auxilia famílias afetadas por rompimento de tubulação Divulgação PMBM/Chico de Assis

Após uma forte chuva que atingiu o distrito de Amparo, em Barra Mansa, e causou o rompimento de uma tubulação de água, o prefeito Rodrigo Drable (PMDB) esteve na manhã de ontem visitando as famílias afetadas. O prefeito explicou que a situação do local é delicada, mas que equipes da Susesp e do Saae fizeram pronto-atendimento e vão buscar solução para o problema. 

Homem tenta matar o ex-patrão e é preso em Angra dos Reis Um homem de 27 anos foi preso suspeito de tentar matar o ex-patrão em Angra dos Reis. A vítima, que não teve a identidade divulgada pela polícia, foi atingida no pescoço. A tentativa de homicídio foi na Rodovia Rio-Santos, próxi-

mo ao bairro Camorim Grande. À polícia o homem contou que o ex-patrão devia dinheiro a ele e, por isso, tentou matá-lo. Outros dois homens que participaram do atentado conseguiram fugir. 

POLÍCIA | Página 6

Samuca visita e diz que vai manter Escola de Hipismo de Volta Redonda

CIDADES | Página 5

O prefeito Samuca Silva (PV) visitou ontem a Escola Municipal de Hipismo de Volta Redonda. Durante a visita, Samuca afirmou que vai manter e ampliará o projeto. A visita contou com a presença da secretária municipal de Esporte e

Estrago: Rodrigo Drable visitou o distrito de Amparo na manhã de ontem para verificar de perto a situação

Lazer, Maria Paula Tavares, o secretario municipal de Meio Ambiente, Alfredo Peixoto e a presidente da Fundação Beatriz Gama, Cláudia Dornellas - que é a responsável pelo projeto de hipismo na cidade. 

CIDADES | Página 4

Após sete meses parado, projeto Aedes aegypti LIRAa aponta alta infestação Eco Pneu é retomado em Barra Mansa no Santo Agostinho e região Divulgação PMBM/Paulo Dimas

Depois de sete meses parado, o projeto Eco Pneu foi retomado em Barra Mansa. Neste semana, funcionários da Secretaria de Meio Ambiente e borracheiros fizeram a retirada de pneus que estavam depositados no Parque da Cidade. O trabalho começou na última segunda-feira, com a retirada de pneus de carro de passeio, e continuou na manhã de ontem, com a retirada de pneus de caminhão, totalizando mais de mil unidades recolhidas, que foram encaminhados para a empresa Policar po Ambiental, para reciclagem. 

CIDADES | Página 5

O LIRAa (Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti), realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de Volta Redonda, através da Vigilância Ambiental, apontou resultados preocupantes. É que a região do Santo Agostinho

(que além do bairro conta com as localidades: Morro da Conquista e Morro da Paz) apresentou índice de 4,9%, considerado alarmante pelo Ministério da Saúde. O levantamento foi feito entre os dias 2 e 7 deste mês. 

CIDADES | Página 4

Shows regionais animam Festa de São Sebastião

Limpeza: Atividades do Eco Pneu foram retomadas após sete meses paralisado

Shows regionais e atividades religiosas marcam a Festa de São Sebastião, que tem início hoje em Barra Mansa, com apresentação do grupo musical da paróquia, seguido de show de professores e alunos. A festa é realizada na Praça da Matriz e

na Rua Monsenhor Costa, que fica ao lado da igreja, responsável pelo evento, com apoio da prefeitura. A expectativa dos organizadores é de que pelo menos, por dia, 900 pessoas prestigiem o evento, que vai até o dia 29. 

CIDADES | Página 5


2 DIÁRIO DO VALE

OPINIÃO



SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

MOSAICO

ARTIGO

O hóspede é rei Claudio Cordeiro O verão é a época de temperaturas mais elevadas no termômetro e, também, a mais aquecida em termos de negócios para o setor hoteleiro no Brasil. De acordo com o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), para esta temporada são esperados mais de 2,4 milhões de turistas estrangeiros, um crescimento de 11% em relação ao ano passado. Isso sem mencionar os viajantes brasileiros. Com a casa cheia, o que os hotéis podem fazer para receber bem e assegurar que o cliente volte? A resposta: colocar o turista no centro da operação, mas essa cultura precisa transcender o bom atendimento. Inovar e potencializar a experiência do público pode ser o diferencial para ficar na memória do hóspede e, ainda, conquistar benefícios significativos na gestão do negócio. Neste ponto, a tecnologia é a

melhor opção para apoiar todas as etapas da jornada do hóspede. Para começar, é preciso entender que a tecnologia é um investimento que traz, não só redução de custos, mas que pode transformar a experiência do cliente e agregar valor ao estabelecimento. Neste sentido, muitos hotéis já usam um sistema de CRM (na sigla em inglês, Customer Relationship Management), mas não utilizam os dados de maneira inteligente. Vamos imaginar o seguinte cenário: um cliente que sempre se hospeda na mesma rede de hotéis e que, em um deter minado momento, na unidade de uma cidade, reclama do travesseiro e anota isso na tradicional avaliação. Se esse registro estiver integrado à uma cadeia de informações, no seu check in em outra uma filial, a gerência já saberia dessa queixa e deixaria três opções diferentes de travesseiros à disposição do consumidor. Uma medida simples, que consome poucos recursos, mas transforma a experiência do hóspede no

estabelecimento. Outro exemplo são as soluções de Customer Experience Relation, uma evolução do CRM. A novidade é focada justamente na experiência do consumidor. O hotel tem muitas informações sobre os hóspedes, mas elas estão isoladas em plataformas distintas. A grande sacada é conectar tudo isso em um só ambiente, com fácil acesso e fazer a leitura desses dados. Nesta etapa, entram os softwares de Business Intelligence e as aplicações de Inteligência Artificial que são capazes de identificar comportamentos diferentes e indicar, por exemplo, quando o turista viaja a trabalho ou lazer e quais são as suas preferências em cada situação. O ponto aqui é utilizar a tecnologia de forma que permita ao hotel colocar o hóspede no centro da operação para atender ou até antecipar as necessidades de quem passa por ali. Investir em integração de sistemas é fundamental para extrair insights dos dados e indicadores inteligentes para, as-

Fórum de desenvolvimento sim, oferecer um serviço e/ou produto diferenciado, de acordo com o desejo e perfil de cada cliente. A mobilidade também é essencial, já que ninguém mais costuma ligar o computador em casa. O smartphone está presente na hora de pesquisar o próximo destino de férias, reservar um quarto e até fazer uma crítica online. Porém, antes de adotar a tecnologia, é essencial ter processos bem definidos e pessoas treinadas para maximizar o uso das ferramentas. A inovação não está na tecnologia em si, mas nas pessoas que concretizam o que ela pode proporcionar. Ela é uma conectora. Estamos em um processo de transformação e quem embarcar rápido nessa jornada terá lugar cativo na preferência do hóspede. Claudio C or deir o Cor ordeir deiro é diretor do segmento de Hospitality da TOTVS

Os homens de poucas palavras são os melhores Daniel Nonohay Para você, leitor atento, não é surpresa que nosso herói se chame Odorico. Tampouco que ele seja um papagaio. Não tenha a pretensão, contudo, de reduzi-lo apenas a isso. Odorico é um papagaiocinzento. Suas penas não possuem cor. Há, claro, uma pequena e ridícula cauda vermelha berrante, que ele sempre procura ocultar, constrangido. Cinza não é cor, mas uma simples indefinição entre luz e trevas, como diz o Seu Dono para as visitas que tenta impressionar com o incomum animal de estimação. Uma mera hesitação entre extremos. Desde sempre, Odorico acostumou-se a ouvir: Olha o papagaio! Mas é cinza! O que ele tem? Não tem nada, diria se pudesse. Além de cinza, Odorico é mudo. Está ali, confinado e incom-

pleto. Sabe que todos, menos Seu Dono, esperavam que fosse colorido, ao menos verde, e que falasse. Por toda a sua vida, acostumouse a ser objeto de arroubos iniciais de curiosidade, por sua ausência de cor, e de imediato desinteresse, por sua quietude. Que pássaro sem graça, tinha dito uma das primeiras crianças que conheceu. Não entendia, na época, por que o achavam assim. A vida o pintara de cinza (com rabinho vermelho) e não lhe dera o dom da palavra. Isto certamente influiu para o desenvolvimento de certo mau humor, que, em bons dias, derivava para um humor negro. Pena que não o podia compartilhar com ninguém. Certa feita, uma velha senhora aproveitou-se da ausência do Seu Dono, agarrou-o na gaiola e passou-lhe um dedo babado na cabeça, para ver se era pintado. Ser discriminado, tudo bem, já estava acostumado àquela altura, mas baba branca escorrendo pe-

los olhos, isto era demais. Aferrou-se ao dedo com toda a força do seu bico, que sabia não ser pouca (uma das consequências de fazer tudo com a boca). A velha gritou, derrubou a gaiola, e, quando Seu Dono retornou aturdido, passou a vociferar que ele tinha um animal selvagem dentro de casa. Saiu profundamente ofendida. Odorico ficou lá, cinza, calado e babado, com o coração batendo rápido por entre sementes de girassol espalhadas e uma honra resgatada. Seu Dono era um homem pequeno e afável, que mantinha a porta da gaiola aberta, quando estavam sozinhos. A casa estava sempre lotada de mulheres, que se vestiam em trajes mínimos, mesmo no frio. Homens vinham em levas, principalmente à noite, quando havia música e bebida. Conhecia os frequentadores assíduos, inclusive o Jaime, com quem mantinha longos monólogos ao final da noite. Certa vez, ele lhe disse, com voz mole,

calça entreaberta e um copo inclinado na mão: – Papagaio… Ainda bem que tu não fala. Danie y Daniell Nonoha Nonohay é natural de Porto Alegre. É casado e pai de duas filhas. Juiz do trabalho, escreveu o seu primeiro romance à mão, em dois cadernos pautados, quando tinha 17 anos. É autor de artigos técnicos, na área do Direito, e políticos que foram publicados em livros, jornais e sites. Organizou livros de coletâneas. É colorado. Atuou como professor e é pós-graduado em Direito do Trabalho, Direito Processual do Trabalho e Direito Previdenciário. Foi Presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho do Rio Grande do Sul. Atualmente, aproveita cada segundo livre para escrever, a sua grande paixão (depois, é claro, das “suas mulheres”).

Presídios são masmorras propensas a carnificina Marcos Espínola Há décadas se discute os rumos do sistema penitenciário brasileiro. Vários especialistas anunciaram o caos de hoje e que só tende a piorar. Trata-se de um sistema falido em sua essência e o massacre do Carandiru não serviu para que as autoridades repensassem a filosofia equivocada em vigor. Agora, com mais uma carnificina em Manaus, com mais de 60 mortos, muitos se mostram surpresos, o que não é admissível, pois, quando se aglutina pessoas em condições desumanas, fica claro a pouca importância dada à vida e à ressocialização do cidadão.

Não seria surpresa se as autoridades amazonenses e até o governo federal fossem denunciados pelo Tribunal internacional, afinal se não havia condições de manter tanta gente presa que fosse solicitada ajuda. Os presídios no Brasil se tornaram masmorras, com aglomerados de gente nas piores condições. Para sobreviver é preciso aderir a alguma facção que de lá de dentro dita às ações da criminalidade aqui fora. Internamente comandam a rotina dos detentos, segmentando e fomentando a rivalidade de acordo com as siglas. Uma realidade que denuncia a impotência e o descaso do Poder Público na manutenção da ordem dentro e fora das grades.

Exemplo disso são as regalias que fazem parte da rotina em prisões em todo o país. E o pior é que todos sabem disso. O que prevalece é a falta de vontade política para mudar esse cenário que só onera os cofres públicos. Não é de hoje que se fala em trabalho e estudo para ressocializar os presos, o que acontece muito timidamente, sem grandes resultados. A grande massa dos mais de 600 mil detentos do Brasil vive ociosa e em péssimas condições que em nada permite se preparar para a volta ao convívio social. O resultado disso são ladrões de galinhas misturados com traficantes e assassinos de alta periculosidade. Prisioneiros esquecidos

pelo estado, alguns que já cumpriram penas e outros que sequer foram julgados. Tem de tudo e na mistura quem sai fortalecido é o crime que dentro do presídio angaria mais e mais mão de obra. Infelizmente, o massacre de Manaus, assim como o do Carandiru, não foi o primeiro e também não será o último, pois, superlotados e similares às masmorras, nossos presídios só nos passam a certeza de que o país não prioriza a vida humana, assim como acontece na saúde, educação, segurança e previdência social. Mar cos Espínola Marc é Advogado Criminalista

Prefeitos da Região se reúnem nesta sexta-feira (13), às 10 horas, em Piraí, para o lançamento do Fórum de Desenvolvimento Econômico do Sul Fluminense. 

O encontro acontecerá no auditório da Secretaria Municipal de Educação de Piraí. 

Esse encontro é uma continuação de outro, realizado quinta-feira passada (5), no gabinete do prefeito Samuca Silva (PV), na cidade de Volta Redonda. 

Naquela reunião, onze prefeitos do Sul Fluminense se reuniram para discutir alternativas conjuntas para o desenvolvimento econômico. 

No primeiro encontro, nasceu a proposta para a criação do Fórum e foi elaborada uma carta conjunta, encaminhada ao Governo do Estado e a Deputados, expondo a preocupação dos gestores municipais. 

Presença O encontro desta sexta-feira contará com a presença do secretário de Estado da Casa Civil, Christino Áureo, que fará uma palestra sobre o programa de incentivos fiscais do Estado.

Incentivo O prefeito de Piraí, Dr. Luiz Antonio, afirmou que a situação financeira dos municípios da Região é grave e que o incentivo fiscal é essencial para a atração de investimento que possam viabilizar novas receitas para as prefeituras, emprego e renda para a população.

DIÁRIO DO VALE Fundado em 5 de outubro de 1992

Diretor-Presidente: Aurélio José F. de Paiva Editora Chefe: Sônia Paes Gerente de TI: Joel Nunes de Aguiar Avenida Nossa Senhora do Amparo, nº 160, loja 1 - Niterói Volta Redonda - RJ - Cep 27283-370 - Tel: (24) 3348-1643 - 3347-3182

FALE COM O DIÁRIO  Redação: redacao@diariodovale.com.br  Departamento Comercial: comercial@diariodovale.com.br  Departamento de assinatura: assinatura@diariodovale.com.br  Departamento de arte: composicao@diariodovale.com.br

 Cartas: cartas@diariodovale.com.br  Esporte: esporte@diariodovale.com.br  Caderno Lazer & Cia: lazer@diariodovale.com.br  Caderno de veículo veiculos@diariodovale.com.br ○

CNPJ: 39.555.503/0001-69

EMPRESA JORNALÍSTICA DIÁRIO DO VALE LTDA.

Bom sinal I

Além do prefeito de Piraí, estarão no encontro os chefes dos executivos e representantes dos municípios de Barra do Piraí, Barra Mansa, Itatiaia, Pinheiral, Porto Real, Quatis, Resende, Rio Claro, Rio das Flores, Valença, Vassouras e Volta Redonda.

A Federação das Indústrias do Estado do Rio (Firjan) viu de maneira positiva a aceleração do ritmo de queda de juros sinalizada pelo Conselho de Política Monetária (Copom). Em nota, a federação afirmou que a redução dos juros não implicou alta da inflação: “Desde outubro, quando se iniciou o processo de redução da taxa de juros, a inflação manteve trajetória cadente, fechando 2016 dentro das metas estabelecidas, algo que não acontecia desde dezembro de 2014. Para 2017, as projeções apontam inflação próxima do centro da meta de 4,5%”, afirmou o texto da Firjan.

Diretores

Bom sinal II

Mais de 90 profissionais da educação, entre diretores titulares e adjuntos, participaram na manhã desta quinta-feira (12), de um encontro com o prefeito Diogo Balieiro, a secretária municipal de Educação, Rosa Frech, a presidente do Educar, Alice Brandão, e o diretor pedagógico Mário José Dias, que apresentou a todos a linha pedagógica que deverá ser adotada pelas escolas na atual gestão. Durante o encontro, realizado no Espaço Z, Diogo Balieiro lembrou que a educação é uma prioridade do governo e que a colaboração diária dos profissionais será fundamental nos próximos quatro anos: “ Educação de qualidade é a base para uma sociedade mais próspera, cidadã e justa. Com esta visão, montamos uma equipe qualificada e muito comprometida com o trabalho e a formação de nossas crianças. Dona Rosa é uma pessoa muito respeitada e de enorme conteúdo técnico. Estou certo de que o grupo que estamos formando hoje à frente de nossas escolas está pronto para nos ajudar a desenvolver um excelente legado educacional para Resende”, disse o prefeito.

A Federação considerou o corte de juros acertado e afirmou que ele ajudará a retomada do crescimento: “Diante disso, o Sistema FIRJAN considera acertada a decisão do Copom de acelerar o ritmo de corte da taxa de juros. Esse movimento será crucial à retomada do crescimento. Sua continuidade e intensidade, contudo, dependem da consolidação das reformas fiscais, em especial a aprovação da reforma da previdência e o reequilíbrio das contas públicas estaduais”, conclui a nota.

Confirmados

Objetivo O DIÁRIO DO VALE vai publicar alguns comentários feitos por internautas sobre reportagens publicadas no site do jornal. Por questão de espaço, nem todos os comentários serão publicados e alguns podem ser resumidos. A redação pode sofrer algumas mudanças para adequar o 'estilo internet' a uma publicação impressa. Cartas para o jornal podem ser enviados por e-mail para cartas@diariodovale.com.br e também através do site, na seção "Fale Conosco". O endereço do site do DIÁRIO DO VALE é www.diariodovale.com.br

de ensino das comunidades onde elas estão inseridas. Para isso, a Secretaria de Educação vai incentivar o desenvolvimento de projetos interdisciplinares nas escolas, além de dar todo o assessoramento necessário aos profissionais.

De acordo com a secretária Rosa Frech, um dos principais objetivos da linha pedagógica será aproximar as unidades

Bom sinal O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta quarta-feira (11) que o acordo de recuperação fiscal do Rio de Janeiro é viável e deve ser assinado até o final da semana que vem. Segundo Meirelles, as contrapartidas pelo governo do Rio ainda estão em discussão e serão anunciadas quando o plano for concluído.

Empréstimos De acordo com o ministro, também está em estudo a concessão de novos empréstimos ao Rio através de instituições financeiras. Segundo o gover nador Luiz Fernando Pezão, o acordo é uma garantia de que o estado terá uma situação financeira equilibrada no futuro.

Redação, Comercial, e Administração: Avenida Nossa Senhora do Amparo, nº 160, loja 1 - Niterói - Volta Redonda - RJ Cep 27283-370 - Tel: (24) 3212-1812 Atendimento a assinantes e classificados: Rua 12 (Brás Magaldi Fernandes), nº 300 - Sider Shopping - Vila Santa Cecília Cep 27260-315 - Tel.: (24) 3348-1147 - 3347-4477 Gráfica: Rua Geraldo Di Biase (ou Rua Governador Luiz Monteiro Portela), 485 Aterrado - Volta Redonda - Cep 27.213-080 - Tel: (24) 3346-2275 O noticiário nacional é fornecido pelas agências Folha e Lance Exemplares atrasados - Solicitar através do telefone (24) 3348-1643 DIARIO ONLINE | www.diariodovale.com.br SITE ATIVO DESDE 1996 • Campeão de audiência

© Copyright 2014 Empresa Jornalística Diário do Vale Ltda. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo do Diário do Vale em quaisquer meios de comunicação, eletrônicos ou impressos, assim como em sites comerciais, sem a autorização por escrito do detentor dos direitos autorais. A proibição se aplica tanto ao conteúdo da edição impressa, quanto da edição online do Diário do Vale. É permitido, porém, o uso de links direcionados ao site do Diário do Vale ou a páginas do seu conteúdo.


SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

DIÁRIO DO VALE 3

POLÍTICA



Grupo de apoio a Samuca escolhe Laydson como líder do governo Sete vereadores fecharam apoio ao prefeito; demais integrantes da Câmara Municipal dividem Mesas Diretoras Volta Redonda O vereador Laydson (PMDB) será o líder da bancada governista na Câmara Municipal, depois de ser escolhido por consenso dos sete parlamentares que integram o grupo. De acordo com o vereador Maurício Pessôa (PSC), o fato de haver quatorze vereadores fora desse grupo não significa, necessariamente, que o prefeito en-

frentará uma oposição de dois terços da Câmara. — Esses sete são um grupo de apoio declarado ao prefeito, mas isso não quer dizer que todos os outros 14 sejam oposição — disse. O ex-vereador Maurício Batista, assessor parlamentar do prefeito Samuca Silva (PV), confirmou a avaliação de Maurício Pessôa e acrescentou que, no momento, não há uma oposi-

ção formal ao Executivo na Câmara Municipal. — O grupo que se organizou pelas mesas diretoras da atual legislatura não inclui os sete que fecharam apoio formal ao prefeito, mas isso não quer dizer que todos os outros sejam oposição. Na verdade, não vejo, no momento, uma oposição formal. Pode ser que isso aconteça no futuro, mas por enquanto o que estou

vendo é muita conversa — disse Maurício Batista. O assessor parlamentar afirmou que tem conversado com todos os parlamentares – muitos deles já foram seus colegas de Câmara Municipal - e tem convidado a todos para conversar com o prefeito. — Num momento de crise como o atual, acredito que todos os vereadores vão colocar o bem-estar da cidade e da população

em primeiro lugar e vão apoiar o prefeito — completou Maurício Batista.

Edson Quinto sugere mutirão de limpeza O vereador Edson Quinto (PR), um dos integrantes do grupo que definiu as mesas diretoras para a legislatura 2013/ 2016, propôs ao prefeito que tome as providências para organizar um muti-

rão de limpeza pública na cidade. Segundo Quinto, ele percebeu que as chuvas recentes têm provocado o surgimento de poças d’água nas ruas, e isso seria causado principalmente pela presença de entulho em calçadas e por falta de limpeza em ruas e praças. Quinto entregou pessoalmente a sugestão para Samuca e acredita que ele tomará providências em breve.

Ednardo Barbosa recebe presidente da AgeRio em obra da nova sede da Prefeitura de Pinheiral Divulgação

Pinheiral O prefeito de Pinheiral, Ednardo Barbosa (PMDB) recebeu na tarde desta quinta-feira (12), no gabinete da sede provisória da Prefeitura de Pinheiral, o presidente da AgeRio, José Domingos Vargas e do diretor de Infraestrutura da empresa, Oscar Sommers. A passagem pela cidade foi marcada pelo acompanhamento das obras de construção da nova sede administrativa da Prefeitura de Pinheiral. A obra, no valor de 2,7 milhões é financiada pela Agência de Fomento do Governo do Estado do Rio de Janeiro, com contrapartida do município. O projeto começou a sair do papel em 2013, mas não foi concluído no prazo inicialmente previsto após a obra ficar paralisada por um ano e, ter sido demolida por apresentar problemas nas soldas das peças metálicas, além de ter problemas com a empresa inicialmente vencedora da licitação – o que culminou com uma nova licitação para a continuidade. Agora a previsão é que o prédio seja entregue em 2017. Segundo Ednardo, é grande a expectativa para que a sede administrativa seja concluída o mais breve possível, tendo em vista a si-

No local: Ednardo e José Domingos avaliam andamento de obras da sede da prefeitura tuação econômica do País e o fato de que desde o início da obra (2013), a prefeitura paga aluguel no prédio pro-

visório em que está instalada e a conclusão da obra a nova sede vai gerar economia para os cofres públicos.

— Oferecemos total colaboração e parceria para que a obra desse bem, que é público, seja concluída,

Jari inicia projeto ‘Vereador no Bairro 2017’ Divulgação

Volta Redonda O projeto Vereador no Bairro, que marcou o primeiro mandato do vereador Jari de Oliveira (PSB), começa a edição 2017 na próxima segunda-feira, dia 16, com visita ao bairro São Carlos, das 8h ao meio-dia. A ação segue os mesmos moldes dos anos anteriores, com duas visitas semanais a diferentes bairros de Volta Redonda. Porém, a nova tenda base do projeto, que ficará montada em frente ao CRAS (Centro de Referência à Assistência Social) do bairro, vai garantir mais conforto aos moradores que chegarem para conversar. Jari ressalta que a participação da população em suas ações na Câmara é prioridade e que o Vereador no Bairro é o caminho para estreitar essa relação. “O objetivo principal do projeto, desde que foi lançado – no início de 2013 – é conhecer as necessidades de cada comunidade. Dar oportunidade ao morador de apontar os problemas enfrentados em seu dia a

dia e também apresentar sugestões, fazer críticas e reivindicações”, disse o parlamentar. A programação do Vereador no Bairro segue com visita ao bairro Conforto, na próxima quartafeira, dia 18, no mesmo horário, com tenda montada ao lado da UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família). E, ainda em janeiro, Jari estará no Casa de Pedra, dia 23; São Lucas, dia 25; e Minerlândia, dia 30. O projeto foi interrompido em maio de 2016 para que não fosse confundido com a campanha eleitoral. No primeiro mandato, Jari fez 250 visitas aos bairros o município. “Além do atendimento na tenda base do Vereador no Bairro, eu e uma equipe de assessores circulamos pelas ruas da comunidade para ouvir o maior número de pessoas”, lembrou, ressaltando que já esteve em todos os bairros da cidade por, pelo menos, duas vezes. “Tenho certeza de que a população vai continuar colaborando para que eu faça um mandato participativo”.

assim como, teremos o comprometimento de que esta nova gestão arcará com o pagamento da con-

Prefeitos cobram segurança para cidades da costa verde Costa Verde

Retomando: Jari recomeça projeto de visitas a bairros, interrompido por campanha eleitoral

trapartida, bem como das parcelas do financiamento previstos no convênio — disse Ednardo.

A falta de segurança na Costa Verde fluminense é motivo de uma reunião, nesta sexta-feira, dos prefeitos de quatro cidades (Angra dos Reis, Paraty, Mangaratiba e Itaguaí) com o secretário de Segurança, Roberto Sá. No encontro, os prefeitos e lideranças locais vão pedir o reforço da segurança nos municípios e principalmente na Rodovia Rio-Santos, que liga o Rio à divisa com São Paulo, em Paraty. O secretário estadual de Turismo, Nilo Sérgio, vai participar da reunião. Segundo os prefeitos, os municípios estão sofrendo com a migração de bandidos foragidos de comunidades da capital. Eles estão sendo estimulados pela falta de policiamento devido ao problema de falta de efetivo no 33º BPM (Angra dos Reis) e nas delegacias locais. Lembram que o problema aumenta na alta temporada do verão: - O clima é ruim para a população destes municípios e para os turistas, muitos internacionais, que

visitam a Costa Verde no verão. Boa parte dos assaltos estão ocorrendo nos trechos da Rio-Santos onde os motoristas têm que reduzir a velocidade nas lombadas eletrônicas ao longo da rodovia federal – lamenta o presidente da Associação dos Condomínios da Costa Verde, Manoel Francisco de Oliveira, que é síndico do Porto Frade. A reunião com Roberto Sá foi solicitada pelo síndico do condomínio Portobello, Carlos Borges. Seu colega Roberto Bonfim, do Portogalo, dise que os prefeitos e os síndicos querem conhecer os planos de Roberto Sá para a região: - Há uma preocupação com a Rio-Santos e com o recrudescimento do tráfico de drogas na Costa Verde. Queremos ouvir os planos do secretário, dar sugestões e conversar sobre futuras ações na região, onde os problemas são semelhantes – concluiu Bonfim. O encontro vai acontecer na sala de reuniões do condomínio, com a participação apenas dos convidados.


4 DIÁRIO DO VALE 

CIDADES

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

AEDES AEGYPTI

LIRAa: Santo Agostinho e região tem alto índice de infestação Resultado de levantamento, realizado entre os dias 2 e 7 deste mês, foi divulgado ontem pela Vigilância Ambiental Franciele Bueno franciele.bueno@diariodovale.com.br

Volta Redonda O LIRAa (Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti), realizado pela Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Ambiental, entre os dias 2 a 7 deste mês, em todos os bairros da cidade, apontou resultados preocupantes. É que apesar do município ter tido um resultado de 2,1% para o índice de infestação do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, considerado médio, a região do Santo Agostinho (que além do bairro conta com as localidades: Morro da Conquista e Morro da Paz) apresentou índice de 4,9%, considerado alarmante pelo Ministério da Saúde. De acordo com a coordenadora da Vigilância Ambiental, Janaína Soledad, com base no resultado do levantamento, o órgão vai intensificar as estratégias de combate ao mosquito, principalmente na região do Santo Agostinho. A ação tem como foco as unidades básicas de saúde e Cras (Centros de Referência em Assistência Social). Janaína revelou que a partir desta semana, equipes de agentes de endemias

vão dar início às visitas nos imóveis, para orientar à população com relação às ações de prevenção e combate aos possíveis focos do mosquito. - A região do Santo Agostinho tradicionalmente nos preocupa por ter grande aglomerado populacional e de residências. Nesse primeiro LIRAa do ano, o levantamento apontou índice de 4,9%, bem alarmante. Por isso, iremos intensificar as ações no local ainda nesta semana. A partir de hoje e sábado, dando continuidade nas próximas semanas, pedindo também ajuda das unidades básicas de saúde e Cras, com orientações a população. As visitas dos agentes de endemias as residências também vão acontecer visando à prevenção e eliminação dos focos do mosquito – disse. Outros bairros tiveram índice de infestação classificado como médio, são eles: Vila Rica/Três Poços, Água Limpa, Pedreira, Caieiras, Caelândia, Brasilândia e Nova Primavera (com 2,9%); Açude I ao IV, Beatriz Gama, Santa Rita, Santa Cruz, São Luiz, Dom Bosco e Voldac (com 2,6%); Colina, Jardim Amália, Jardim Nor mândia, Jardim Tancredo Neves, Laranjal, Monte Castelo, Morada da Colina, Núcleo de Posse Neuza Jordão, São João e

Vila Americana (com 2,3%). O Ministério da Saúde indica que índices de infestação por Aedes aegypti acima de 3,9% são considerado de alto risco, enquanto de 1% a 3,9% é de médio risco, e até 0,9% é considerado baixo.

Em alerta pela febre chikungunya A grande preocupação da Secretaria Municipal de Saúde e da Vigilância Ambiental é com a febre chikungunya. Isso porque as epidemias dos últimos anos de dengue e zika deixaram a população imune a essas doenças, enquanto que com a chikungunya houve poucos casos registrados. - Nós tivemos no final do período de maior transmissibilidade, no ano passado, um início de aparecimento de casos de chikungunya em Volta Redonda. Só que já estávamos entrando numa época em que se tem menor índice de infestação do mosquito. Agora significa que o vírus está circulando na cidade e com os índices de infestação aumentando, principalmente por conta do período chuvoso, e o calor, são predispostos para o desenvolvimento do Aedes – explicou Janaína, frisando que a Secretaria de Saúde de Volta Redonda está se preparan-

do para atender aumento nos casos de chikungunya. - Temos preparado o sistema dos serviços de saúde, porque há uma particularidade em cada uma dessas doenças transmitidas pelo Aedes. Por exemplo, na zika há uma preocupação muito maior nas gestantes, na dengue a atenção maior é com os idosos e crianças, e a febre chikungunya tem a característica de ser uma doença que se alonga por períodos maiores, com dores articulares fortes. Por isso, estamos preparando os serviços de saúde para atender a população, inclusive com medicamentos – completou.

Verão e a proliferação do mosquito A coordenadora da Vigilância Ambiental explicou que o Aedes aegypti se adapta com mais facilidade ao calor e umidade, por isso, nesta época de verão é quando eles mais se desenvolvem. A chuva e a temperatura mais alta contribuem para a proliferação das larvas do mosquito, já que o tempo de eclosão dos ovos é menor nessas condições. - Nesta época do ano, com chuvas, o Aedes aegypti encontra muito facilmente local para desenvolver suas larvas. E os ovos

Governo manterá Escola de Hipismo na Ilha São João Divulgação PMVR/Gabriel Borges

são extremamente resistentes, eles podem ficar por até um ano em locais secos. A fêmea não coloca o ovo na água, e sim na parede dos recipientes, então quando chove, a água alcança o ovo e eclode – explicou Janaína. Por esses motivos, Janaína disse que desde outubro ações de combate ao mosquito estão sendo realizadas em Volta Redonda, e destacou a importância da adesão à campanha dos 10

minutos por semana. - A ideia da campanha “10 Minutos Salvam Vidas” é implementar no cotidiano da população a ideia de combate a dengue, que seja algo normal, que se faça toda semana e porque assim você elimina o ciclo de vida do mosquito, que dura de 7 a 10 dias. Então se toda semana se eliminar as larvas e possíveis criadouros, eu corto o ciclo de vida daquele mosquito – finalizou.

Notificações e casos confirmados de dengue, chikungunya e zika em 2016 Dengue Notificações – 4.127 Confirmados – 466

Chikungunya 29 notificados Cinco confirmados Cinco descartados

Zika 302 casos notificados, 63 em gestantes* 20 casos confirmados e 36 descartados *Quatro casos notificados de microcefalia

Secretaria de Juventude e Esporte de Barra Mansa realiza seminário

Divulgação PMBM/Paulo Dimas

Volta Redonda Em visita à Escola Municipal de Hipismo de Volta Redonda, que funciona na Ilha São João, ontem, o prefeito Samuca Silva (PV) afirmou que vai manter e ampliará o projeto de hipismo. A visita contou com a presença da secretária municipal de Esporte e Lazer, Maria Paula Tavares, o secretario municipal de Meio Ambiente, Alfredo Peixoto e a presidente da Fundação Beatriz Gama, Cláudia Dornellas - que é a responsável pelo projeto de hipismo na cidade. O prefeito aproveitou para avaliar as instalações da escola e a condição dos animais. - Vamos manter todos os projetos sociais. Através da secretária de Meio Ambiente, já conseguimos uma emenda parlamentar para reativar o projeto de equoterapia. Além da necessidade de se fazer parcerias com o Governo Federal e a iniciativa privada - afirmou Samuca. A escola de hipismo atende 40 alunos da rede pública. Segundo Cláudia Dornellas, a visita foi feita para levantar a real situação do curso de hipismo. - Vamos evoluir no trabalho social na rede pública, melhorando também no trato dos cavalos e na qualificação técnica para quem trabalha com esses animais. Vamos melhorar, revitalizar e evoluir, atenden-

Esporte e Lazer: Encontro teve como principal finalidade alinhar a missão da secretaria, suas diretrizes e propostas Barra Mansa De perto: Samuca e o secretário de Meio Ambiente viram os animais da prefeitura e conheceram as condições sanitárias das baias do melhor as crianças e adolescentes da rede pública que utilizam a escola de hipismo - disse Cláudia. O secretário municipal de Meio Ambiente frisou a importância da visita com relação à saúde dos animais da escola e as condições sanitárias das baias dos cavalos que ficam na Ilha São João. - É muito importante avaliar a saúde de cada cavalo, idade e condições. Esses cavalos são patrimônio da prefeitura e esse atendimento, e cuidado, está ligado a potencialidade do projeto - destacou Peixoto.

Samuca visita Saae Após a visita na Escola Municipal de Hipismo, Samuca visitou a sede do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) e se encontrou com diretor executivo da autarquia, Leonardo Vidal. O prefeito elogiou a estrutura da autarquia e disse que Volta Redonda tem o preço do serviço de água mais barato do estado do Rio de Janeiro. O valor mínimo cobrado é de apenas R$ 18, enquanto em outros municípios o mínimo é de R$ 43. - Além de ser excelente qualidade, temos a água

mais barata do Estado do Rio de Janeiro. Isso é mérito de todos os servidores públicos de carreira da autarquia - disse o prefeito, que relembrou a época que ainda era caixa do antigo Banco Real e atendia os funcionários de carreira da autarquia. - Não sei se vocês lembram, mas eu me recordo de cada um de vocês. Eu fazia o pagamento quando ainda era caixa do banco. A água aqui do Saae é boa porque vocês não envelheceram mesmo depois de 10 anos. Continuam com a mesma aparência - brincou.

Defesa Civil alerta sobre cuidados no período de chuvas Volta Redonda Trincas e rachaduras nas paredes, aumento rápido do nível de água, bueiros abertos e fiação solta. Essas são algumas situações as quais a população deve ficar atenta, segundo a Defesa Civil de Volta Redonda, principalmente nesta época de temporais e

chuvas fortes. O alerta vai até março – fim do verão. - Se a água estiver começando a invadir a casa, o morador deve sair imediatamente e procurar um local seguro. Durante tempestades com raios, não utilizar telefone, principalmente, os com fio, não ficar próximo de tomadas, equipamentos energizados, não ficar em local

descoberto e nem próximo de cerca com arames de aço. E também ficar atento aos deslizamentos de terra que possam ocorrer no local em que moram - alertou o coordenador da Defesa Civil, coronel Márcio Caetano, ressaltando que os bairros Retiro e Açude costumam ser os locais mais atingidos. Em casos de deslizamen-

tos e enchentes, os moradores devem procurar um lugar seguro para ficar e avisar, imediatamente, a Defesa Civil. Os telefones de contato são o 199 e (24) 3339-2065. O setor também possui um sistema de alerta via SMS. Para se cadastrar basta acessar o http:// sisemte.cbmerj.rj.gov.br/ e fazer o cadastramento.

A prefeitura, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer, realizou ontem, o Seminário “Reconstruindo o Esporte e Lazer de Barra Mansa”. O encontro contou com a participação da secretária da pasta, Rose Vilela, do presidente da Comissão de Esporte da OAB/BM, Alexssandro Moreira, do subsecretário da Susesp, Marco Chiesse, além de integrantes da secretaria e representantes de grupos de diversas modalidades esportivas, como ciclismo, futebol, futsal e tênis. De acordo com Rose Vilela, o encontro teve como principal finalidade alinhar a missão da secretaria, suas diretrizes e propostas. - Os encaminhamentos foram traçados em conjunto com os participantes deste seminário e agora, serão apresentados ao prefeito Rodrigo Drable e a toda a população, como fonte para a iniciação esportiva e a melhoria da qualidade de vida - disse. Ainda segundo a secre-

tária o encontro apontou para a realização de ações a curto, médio e longo prazo. - Temos um grande desafio pela frente, que é levar serviços de esporte, qualidade de vida e resgate da autoestima à população, mesmo diante de uma grave crise econômica. Dessa maneira, vamos concentrar esforços na captação de recursos junto ao Ministério dos Esportes e a iniciativa privada. Já estamos discutindo a realização de um novo seminário voltado para a captação de recursos financeiros como ferramenta social e de negócios visando à implementação de projetos e programas populares de juventude, esporte e lazer - ressaltou Rose Vilela. Contribuíram com o seminário, o educador e consultor em gestão do esporte, José Farchim, o professor e consultor em planejamento financeiro, Carlos Manuel Duarte de Abreu, o professor e consultor em planejamento estratégico, Ricardo Mathias, e o produtor e publicitário, Heverton Lustosa.


SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

DIÁRIO DO VALE 5

CIDADES



Eco Pneu retoma atividades após sete meses Secretaria de Meio Ambiente e borracheiros fizeram a retirada de pneus no Parque da Cidade Divulgação PMBM/Paulo Dimas

Barra Mansa Cerca de dez pessoas, entre representantes de revendedora de pneus do município e funcionários da Secretaria de Meio Ambiente, através do projeto Eco Pneu, se reuniram essa semana para retirar o material que estava depositado no Parque da Cidade. O trabalho começou na última segundafeira, com a retirada de pneus de carro de passeio, e continuou na manhã de ontem, com a retirada de pneus de caminhão, totalizando mais de mil unidades recolhidas, que foram encaminhados para a empresa Policarpo Ambiental, para reciclagem. Com a chegada das chuvas, o trabalho deve ser constante para evitar acúmulo de água e focos de dengue. De acordo com o coordenador do projeto Eco Pneu, Sales Primo, muitos borracheiros não estavam conseguindo fazer o des-

carte no depósito devido ao grande número de pneus acumulados, depois de muito tempo sem recolhimento. - Não tinha espaço para por mais pneus aqui, foi muito tempo sem recolher. Mas estamos numa época que requer muito cuidado por causa da chuva e da dengue, não podemos deixar acumular – disse. Sales Primo informou ainda que o recolhimento deve ser feito semanalmente, para evitar o acúmulo. - A medida tomada pela secretaria para evitar esse problema é o agendado prévio do descarte por parte dos representantes, para que a Secretaria de Meio Ambiente imediatamente faça o recolhimento do que material descartado e encaminhe para reciclagem - destacou. Denúncias de depósito ou descarte irregular de pneus podem ser feitas na Secretaria de Meio Ambiente pelo telefone (24) 21063406.

Meio ambiente: Mais de mil pneus estavam depositados no Parque da Cidade e foram encaminhados para reciclagem

Festa de São Sebastião começa nesta sexta e terá shows regionais Barra Mansa A programação da Festa de São Sebastião, padroeiro da cidade, começa hoje, às 20h30, com apresentação do grupo musical da paróquia, seguido de show de professores e alunos. A festa é realizada na Praça da Matriz e na Rua Monsenhor Costa, que fica ao lado da igreja, responsável pelo evento, com apoio da prefeitura. A expectativa dos organizadores é de que pelo menos, por dia, 900 pessoas prestigiem o evento, que vai até o dia 29. As principais atrações incluem oficina de capoeira, shows musicais, apresentação de grupos de dança, bingo, leilão de gado, além das atividades religiosas. No dia 20, a programação começa logo cedo, com Alvorada, às 6h, seguida de missa. Às 9h30, está programada outra missa: a de iniciação a Vida Cristão, seguida de procissão. Às 15 horas é celebrada a missa solene pelas Comunidades Eclesiais de Base, também acompanhada de uma procissão. Os fiéis irão percorrer a Avenida Joaquim

Prefeitura auxilia famílias após rompimento de tubulação em Amparo Divulgação PMBM/Chico de Assis

Barra Mansa

Programação Cultural Dia 13 20h30 - Apresentação do Grupo Musical da Paróquia de São Sebastião, seguido de show de professores e alunos Dia 14 20h30 - Show de evangelização com Ministério Sopro Divino 21h30 - Show com Mariano Rangel Dia 15 14 às 17h - Oficina de Capoeira com o Grupo Abadá 21h - Show com a dupla Petter e Alan Dias 16,17 e 18 (em diversos horários) Música Popular Brasileira Dia 19 15 às 17h - Oficina de dança com o Grupo Flor da Terra 20h30 - Apresentação de dança com o Grupo Flor da Terra

Leite, contornarão a Praça da Liberdade até a altura do Restaurante Cidadão, e retor narão pelas avenidas Domingos Mariano e Joaquim Leite. Todo o trajeto será acompanhado pela Guarda Municipal

21h - Show com Márcio Nogueira Dia 20 20h30- Apresentação de dança com o Grupo Flor da Terra 21h - Show com a banda Os Danados e Furacão Sertanejo Dia 21 10 às 12h - Oficina de dança com o Grupo Flor da Terra 20h30 - Apresentação de dança com o Grupo Flor da Terra 21h - Show com o Grupo OpSamba Dia 22 14h - Sensacional Show de Prêmios na Praça da Matriz 21h - Show com Gaby Scaramussa Dia 29 A partir das 14h - 15º Leilão de Gado no Parque de Exposição de Antônio Rocha

visando garantir a segurança e a fluidez no trânsito. Além da Guarda, agentes da Defesa Civil e Coortran (Coordenadoria de Trânsito e Transporte) vão trabalhar durante o evento.

O prefeito Rodrigo Drable (PMDB) visitou o distrito de Amparo na manhã de ontem para verificar de perto a situação da Rua Miguel Sadio de Oliveira, após a forte chuva da noite anterior que causou o rompimento de uma tubulação. Duas residências foram afetadas. Em pior situação ficou a casa da moradora Isabel da Silva Dias, 54 anos, que depende de uma boa acessibilidade para fazer um tratamento contra câncer. O prefeito explicou que a situação do local é delicada, mas que equipes da Susesp e do Saae fizeram prontoatendimento e vão buscar solução para o problema. - Isso acontece por falta de fiscalização e de uma ação da prefeitura, estamos num momento em que não temos equipamentos e nem estrutura, mas enfrentaremos o problema, o que não podemos fazer é deixar essas famílias desamparadas e nem permitir que isso se agrave - declarou Drable, que teve companhia dos vereadores Marcelo Borges e Maria Lúcia durante a visita ao distrito. Logo após o ocorrido, ainda na noite de quarta, dia 11, equipes da Defesa Civil, Saae, Susesp e Secretaria de Saúde foram ate o local para realizar os atendimentos emergenciais necessários.

Sindicato Rural de Barra Mansa e UBM fecham parceria Barra Mansa Um dos maiores produtores de hortaliças e leite do estado do Rio de Janeiro, o município de Barra Mansa quer consolidar sua vocação agropecuária. Para melhorar a produtividade das propriedades rurais da cidade, o Sindicato Rural de Barra Mansa e o Centro Universitário de Barra Mansa (UBM) selaram ontem uma parceria visando desenvolver projetos em conjunto. O encontro reuniu o vice-presidente do sindicato, Adilson Rezende; o diretor executivo do UBM, Marcus Vinícius Ferreira; o diretor administrativo da instituição de ensino, Fabiano Bossle Miguel, e o diretor de extensão e relações comunitárias, Fer-

nando Vitorino. Na reunião, as duas finalistas do estado do Rio de Janeiro do programa ‘CNA Jovem’ apresentaram seus projetos aos diretores do UBM. Um deles trata da melhoria de comunicação nas ações de extensão e assistência técnica rural. - Quando o técnico que visita a propriedade transmite seu conhecimento de forma mais objetiva, com uma linguagem de fácil compreensão, o produtor assimila melhor as informações para colocá-las em prática. Isso traz melhoria na sua produtividade - argumentou Amanda Reis, uma das profissionais finalistas. Outro projeto apresentado aborda a orientação vocacional de carreiras no se-

tor rural. - Os adolescentes e jovens que moram na cidade muitas vezes desconhecem o potencial de trabalho que existe no campo. Em 2015, o setor agropecuário foi o único que registrou crescimento no PIB e saldo positivo na geração de empregos. Há muitas oportunidades de trabalho e de capacitação na área rural e nosso objetivo é divulgá-las por meio de uma feira de carreiras - explicou a autora do projeto ‘Vocação Agro’, Carina Machado. O diretor executivo do UBM destacou a necessidade de colocar em prática projetos para mitigar os desafios do agronegócio na região. - Sabemos que existem gargalos que atrapalham o

crescimento do setor. Por meio da parceria com o Sindicato Rural, vamos colaborar tecnicamente para ofertar soluções aos produtores. Isso beneficia também nossos estudantes, que terão a oportunidade de aprender fora das salas de aula - afirmou Marcus Vinícius. O próximo passo é apresentar os projetos desenvolvidos pelas finalistas e pelo Sindicato Rural aos coordenadores dos cursos de graduação, em fevereiro. - Essa parceria será muito importante para promoção do desenvolvimento da agropecuária em nossa cidade e na região. O envolvimento do UBM nos projetos traz a garantia de qualidade técnica - finalizou Adilson.

Após forte chuva: Prefeito visitou distrito para verificar os danos e conversou com moradores atingidos por rompimento de tubulação “NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL Notifico ao Sr. EUDER BITTON a comparecer à Rua Assis Chateaubriand, nº 58, sala 208, Bairro Aterrado, nesta cidade para tratar das bases do distrato do Contrato de Promessa de Compra e Venda da sala comercial nº 604 do Ed. La Sallete, nº 25, Rua Das Marrecas, Centro da cidade do Rio de Janeiro, firmado em 18/05/2015, com o Sr. LUKAS GOMIDES DA SILVA, por falta de pagamento e desentendimento comercial, ciente que o notificador se exime dos pagamentos inerentes as dividas do imóvel desde novembro de 2016. Volta Redonda, 12 de janeiro de 2017. MARCOS ANTÔNIO DA SILVA

Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Paraty Secretaria Municipal de Saúde PORTARIA SAÚDE Nº 001/2017 Dispõe sobre a designação de Plantão de Sobreaviso Emergencial estabelecido pela Lei nº. 05/2013 e dá outras providências A Secretária de Saúde da Prefeitura Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, no uso de suas atribuições legais R E S O L V E Art. 1º - Designar para o Plantão de Sobreaviso Emergencial referente ao mês de Janeiro de 2017 os servidores abaixo relacionados: Médico: Benedito da Silva Lomba Neto: matricula nº 202.336 Técnica de Enfermagem: Elizabeth Rodrigues Cerqueira: matricula nº 202.229 Art. 2º - Os servidores supracitados farão jus a receber o Adicional de Plantão de Sobreaviso estabelecido pela Lei nº. 05/2013 e regulamentado pelo Decreto nº 79/2013. Art. 3º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Publique-se e cumpra-se. Prefeitura Municipal de Paraty, 02 de Janeiro de 2017 Martha Cardoso Cruz Sec. Saúde e Defesa Civil Matricula 302.316


6 DIÁRIO DO VALE

POLÍCIA



SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

Um morto e outros quatro são feridos em tiroteio com PMs Tiros foram trocados em Valença e bando seria do Rio; eles chegaram a bater num carro da polícia

ERRATA Errata Referente à Publicação da Portaria nº0189/2016, PUBLICADO NO DIÁRIO DO VALE A PAGINA 06 DA EDIÇÃO Nº 8221 DO DIA 01/12/2016. · Onde se lê: Maria Isabel Vieira Correa Pauferro · Leia-se: Maria Izabel Vieira Correa Pauferro Prefeitura Municipal de Paraty, 11 de Janeiro de 2017. Carlos José Gama Miranda Prefeito Municipal

PORTARIA Nº385/2016

Cedida pela PM

Valença Um homem foi morto e outros quatro ficaram feridos após trocarem tiros com policiais militares da Companhia da Valença, do 10º Batalhão da PM (Barra do Piraí), na madrugada de ontem. O tiroteio ocorreu depois que os agentes interceptarem o Ecosport, com placa do Rio, em que os bandidos estavam, no bairro Canteiro. Segundo os policiais, a quadrilha é do Conjunto Amarelinho, em Irajá, no Rio. Os integrantes do bando bateram na viatura da PM quando tentaram furar o bloqueio. Um deles morreu no local e os outros quatro foram levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Centro de Valença. No Ecosport, foram encontrados 200 papelotes de cocaína, uma pistola e um revólver, de calibre 38. Ainda de acordo com os agentes, os suspeitos pretendiam estabelecer um ponto de venda de drogas na cidade. O comandante do 10º Batalhão da PM (Barra do Piraí), tenente-coronel Wagner de Mello da Silva, disse que agentes do setor de inteligência (P-2) do quartel de que uma carga de drogas chegaria a Valença vinda do Rio. – Montamos (policiais) uma barreira na via de acesso à cidade e o Ecosport onde estavam os suspeitos. Eles bateram em nossa viatura ao tentar furar o bloqueio – disse o comandante. O policial não descartou a hipótese dessa migração do tráfico ter ocorrido devido à repressão da polícia carioca no reduto desses bandidos no Conjunto Amarelinho, em Irajá.

Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Paraty Secretaria Executiva de Governo

O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: Artigo 1º - Conceder suprimentos de fundo a funcionário municipal, para atender despesas de pequeno vulto, de acordo com a regulamentação estabelecida pelo Decreto nº067, de 27 de novembro de 1998, alterado pelo Decreto nº060/2001. EXERCICIO FINANCEIRO: 2016 DOTAÇÃO ORÇAMENTARIA: NOME: José Antonio Garrido Khaled Junior CARGO: Secretário Executivo de Governo VALOR: R$8.000,00 (oito mil reais) PERIODO DE APLICAÇÃO: 90(noventa) dias DESTINO DO SUPRIMENTO: Despesas miúdas de pronto pagamento, extraordinárias ou urgentes que não permitam delongas em seu atendimento. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016 CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº386/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: PRORROGAR, licença sem vencimentos, do servidor JOSIAS PORTO DA CRUZ, Professor, matricula 200103, da secretaria de Educação, por período de 12(doze) meses, retroativo a 21 de junho do ano em curso, conforme requerimento protocolo nº127800/2016 da lavra do mesmo. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº387/2016

De frente: Carros em que estavam suspeitos bateu na viatura da polícia quando eles tentaram furar bloqueio Cedida pela PM

O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: EXONERA, a pedido, o cidadão FABIO PICANÇO DE SEIXAS LOUREIRO, do Cargo Comissionado de Consultor Jurídico, da Secretaria de Administração, a partir da presente data. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº389/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: INTERROMPER, a licença sem vencimentos, da servidora ALICE MARCOS PEREIRA, Merendeira, matricula 200.342, da secretaria de Educação, a partir da presente data, conforme requerimento protocolo nº126688/2016 do lavra da mesmo. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016.

PORTARIA Nº390/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: EXONERAR, por motivo de aposentadoria, os servidores abaixo relacionados, conforme requerimentos protocolos nº128078 e 127991/2016 da lavra dos mesmos. GILDETE DA LAPA PINTO PEDRO – Professora – matricula 200.038; MARIA SALES DE CHRISTO GAVINHA – Merendeira – matricula 200.238. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº391/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: INTERROMPER, a pedido, a licença para acompanhamento de pessoa doente na família, do servidor JOÃO EDUARDO COSTA JEREMIAS, Guarda Municipal, matricula 200.570, da Secretaria de Guarda e Transito, retroativo a 18 de julho, do ano em curso, conforme requerimento protocolo nº128017/2016 da lavra do mesmo. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº393/2016

No veículo: Drogas, armas e munições foram apreendidas em carro que estava o bando

O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: EXONERAR, a pedido, a cidadã LUANNA MENDONÇA CABRAL, do Cargo Comissionado de Acompanhante Social, da Secretaria de Promoção Social, a partir da presente data. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

Pedreiro morre Irmãos são presos com eletrocutado em Resende drogas em Porto Real Resende O pedreiro Edson Luiz da Silva, de 35 anos, morreu na tarde de anteontem eletrocutado. Ele estava num andaime e há suspeita de que a régua de alumínio que segurava tenha esbarrado na rede elétrica. O acidente foi na Rua Tocantins, na Morada da Colina. O choque fez com que a vítima caísse de uma altura de dois metros. Ele morreu na hora.

O corpo do pedreiro foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), em Resende. Em Volta Redonda, também no mesmo dia, foi registada a morte do vigia Everton Carlos da Silva, de 37 anos. Ele morreu ao cair de um prédio em construção na Rua Manchester, no bairro Jardim Europa. O corpo da vítima foi encontrado por um pedreiro que chegou para trabalhar no início da manhã.

Porto Real Policiais do 37º Batalhão da PM prenderam na noite de anteontem dois ir mãos, de 24 e 36 anos, com drogas. Eles foram flagrados vendendo maconha para um homem, na Rua 34, no bairro Freitas Soares. Com os suspeitos, foram apreendidos três pedaços de maconha e R$

Dupla é presa com drogas e ‘cheirinho da loló’

Cedida pela PM

125. Além disso, na casa deles foram encontradas mais droga e dinheiro. Os PMs descobriram ainda que um dos irmãos já era investigado por suspeita de ser autor de um homicídio. Ele ficou preso na 100ª DP (Porto Real). O outro irmão responderá em liberdade por posse de drogas. O flagrante foi coordenado pelo delegado Marcelo Haddad.

Mulher é assassinada em Barra do Piraí

Mangaratiba

Barra do Piraí

Policiais do 33ª Batalhão da PM (Angra dos Reis) prenderam anteontem dois jovens suspeitos de tráfico de drogas. Eles foram flagrados comercializando entorpecentes próximo a uma cachoeira, em Conceição de Jacareí. Com os suspeitos, foram apreendidos 50 frascos de “cheirinho da loló”, três cápsulas de cocaína e R$ 35. A dupla foi levada para a 165ª DP (Mangaratiba).

A delegada Karina Bastos, titular da Delegacia de Barra do Piraí, iniciou as investigações para apurar o assassinato de uma mulher, não identificada. O corpo da vítima foi encontrado anteontem, às margens da RJ-145, Km 52, próximo ao bairro Belvedere. A mulher tinha perfurações de tiros no rosto. O corpo foi levado para o Instituo Médico Legal (IML), em Barra do Piraí. Ninguém foi preso ainda.

Apreensão: Drogas foram levadas para a Delegacia de Mangaratiba

Homem é preso após atirar em ex-patrão Angra dos Reis Policiais do 33º Batalhão da PM (Angra dos Reis) prenderam um homem, de 27 anos, após ele atirar no pescoço do seu ex-patrão, que também não teve o nome divulgado polícia. A tentativa de homicídio foi na Rodovia Rio-Santos, próximo ao bairro Camorim Grande.

Os agentes disseram que o suspeito estava num Honda Civic prata, junto com outros dois comparsas e interceptou a vitima, que conduzia um Focus também prata. Após o atentado, populares pediram ajuda aos PMs que perseguiram o Honda Civic que acabou batendo num obstáculo da rodovia. O suspeito foi preso e os outros dois ocupantes do veiculo

conseguiram fugir. Ele informou aos policiais apenas que tinha um problema a resolver com a vítima, mas sem dizer o motivo. Porém, para o delegado Bruno Gilaberte, titular da 166ª DP (Angra dos Reis), Diego contou que o ex-patrão devia dinheiro ele e, por isso, tentou matá-lo. O ferido foi levado para o Hospital da Japuíba. A unidade

médica informou aos PMs que o estado do paciente é estável O suspeito ficou preso e foi indiciado por tentativa de homicídio. Ele informou que o revólver utilizado para atirar vítima foi levado pelos comparsas que fugiram. O delegado informou que os outros dois comparsas foram identificados e estão sendo procurados pela polícia.

PORTARIA Nº394/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: NOMEAR, a cidadã BRUNA O. PUCCIARELLI, no Cargo Comissionado de Coordenador da Casa Abrigo, da Secretaria Promoção Social, a partir da presente data. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº396/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: Artigo 1º - Conceder suprimentos de fundo a funcionário municipal, para atender despesas de pequeno vulto, de acordo com a regulamentação estabelecida pelo Decreto nº067, de 27 de novembro de 1998, alterado pelo Decreto nº060/2001. EXERCICIO FINANCEIRO: 2016 DOTAÇÃO ORÇAMENTARIA: NOME: Ramon Rosa da Conceição CARGO: Consultor Jurídico VALOR: R$8.000,00 (oito mil reais) PERIODO DE APLICAÇÃO: 90(noventa) dias DESTINO DO SUPRIMENTO: Despesas miúdas de pronto pagamento, extraordinárias ou urgentes que não permitam delongas em seu atendimento. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 02 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº397/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: EXONERAR, a cidadã ROSANA ALVES DE OLIVEIRA do Cargo Comissionado de Supervisor do Departamento de Divida Ativa, da Secretaria de Finanças, retroativo a 01 de agosto do ano em curso. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 02 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº398/2016 Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: EXONERA, o cidadão, JOÃO LUCAS MELLO DA CRUZ VARGAS DOS SANTOS, do Cargo Comissionado de Assistente de gabinete, da Secretaria Executiva de Governo, a partir de 01 de agosto do ano em curso. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 01 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº399/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: EXONERA, a cidadã, MARIZETE N. DOS SANTOS TEIXEIRA do Cargo comissionado de Coordenador de Imunização, da Secretaria de Saúde e Defesa Civil, retroativo a 01 de agosto do ano em curso. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 02 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº400/2016

O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: NOMEIA, o cidadão, JOÃO LUCAS MELLO DA CRUZ VARGAS DOS SANTOS, no Cargo comissionado de Supervisor do Departamento de Divida Ativa, da Secretaria de Finanças, a partir da presente data. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 02 DE AGOSTO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito

PORTARIA Nº583/2016 O Prefeito Municipal de Paraty, Estado do Rio de Janeiro, usando das atribuições que lhe confere a legislação em vigor, notadamente o artigo 96, inciso II, alínea “d” da Lei Orgânica do Município de Paraty, e artigo 37, item IX, da Constituição Federal; R-E-S-O-L-V-E: PRORROGAR, até 31 de dezembro de 2016, o prazo de vigência da Comissão Processante Permanente - CPP II, da Secretaria de Administração. Registre-se, Cientifique-se, Publique-se e Cumpra-se. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARATY, EM 29 DE DEZEMBRO DE 2016. CARLOS JOSE GAMA MIRANDA Prefeito


DIÁRIO DO VALE 7

ECONOMIA

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017



Menos da metade dos municípios dizem cumprir o piso dos professores em 2016 Dados são de um levantamento feito pelo Ministério da Educação; valor aumentou Divulgação

Rio Menos da metade dos municípios e 17 estados, além do Distrito Federal, declararam conseguir pagar em 2016 ao menos o mínimo estabelecido em lei aos professores de escolas públicas da educação básica de suas respectivas redes de ensino. Os dados são de um levantamento feito pelo Ministério da Educação (MEC). Em 2017, todos os entes terão que arcar com um valor ainda maior. O novo piso foi anunciado nesta quinta-feira (12) e o salário dos professores passa a ter que ser de pelo menos R$ 2.298,80 para uma jornada de 40 horas semanais, o que representa um reajuste de 7,64% em relação aos R$ 2.135,64 do ano passado. O levantamento foi feito em novembro com base na declaração dos estados e municípios. Acre, Alagoas, Amapá, Distrito Federal, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins declararam cumprir o piso salarial dos professores, deter minado em lei desde 2008. Amazonas, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul e São Paulo não prestaram informações. Já entre os municípios, 2.533, o equivalente a 44,9%, declararam cumprir o valor do piso. “Temos que enfrentar um problema concreto, precisamos melhorar o salário dos professores, valorizar os professores e, ao mesmo tempo, não há recursos suficientes para dar um reajuste acima da inflação. O reajuste agora é acima da inflação, cumprindo a lei, mas sabemos e entendemos as dificuldades dos estados e municípios”, diz a secretária-executiva da pasta, Maria Helena Guimarães de Castro.

Desigual: Piso não é respeitado na maioria das cidades brasileiras apesar de constar em documento

Reajuste O piso salarial dos docentes é reajustado anualmente, seguindo as regras da Lei 11.738/2008, a chamada Lei do Piso, que define o mínimo a ser pago a profissionais em início de carreira, com formação de nível médio e carga horária de 40 horas semanais. O valor para 2017 representa um aumento real, acima da inflação de 2016, que fechou em 6,29%. O reajuste começa a valer a partir deste mês. Não há uma penalidade específica para o não cumprimento da Lei do Piso. Cabe aos Ministérios Públicos Estaduais, poderes legislativos locais e Tribunais de Contas Estaduais a fiscalização. O descumprimento pode resultar em um Termo de Ajuste de Conduta.

Mudanças Todo os anos, prefeitu-

ras e governos estaduais apontam dificuldades no cumprimento do piso. Este ano, com a queda na arrecadação, a situação se intensificou. Tanto estados quanto municípios apontam para a necessidade da regulamentação da Lei do Piso e da mudança na fórmula usada para calcular os reajustes. A lei vincula o aumento à variação ocorrida no valor anual mínimo por aluno definido no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Uma das soluções seria regulamentar os repasses feitos pela União que, pela lei, deveria complementar o piso em locais onde não há caixa para cumprir o pagamento mínimo. “O complemento do piso nunca foi regulamentado, nenhum estado e nenhum município recebe recursos para complemento do piso salarial,

VR pode receber investimento de empresa norte-americana

para ajudar a garantir o piso”, diz o apresidente do Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed), Fred Amâncio. O ministro da Educação, Mendonça Filho, disse que não há previsão de repasses extras aos entes, mas que a questão poderá ser discutida no Congresso Nacional. Neste ano, o governo federal fez alterações nos repasses do Fundeb, que é composto pela arrecadação dos estados e municípios e mais uma complementação da União. Até o ano passado, o repasse da União era feito em 14 parcelas que se estendiam até o ano seguinte. A partir de 2017, os repasses do complemento da União, destinado aos estados com mais dificuldades em garantir o investimento mínimo aos estudantes, serão feitos em 12 parcelas. Segundo Mendonça Filho essa medida irá ajudar no cumprimento do piso sa-

Brasília Instituições financeiras consultadas pelo Ministério da Fazenda esperam que o déficit primário do Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) termine este ano em R$ 148,3 bilhões. Segundo a previsão, o desfalque nas contas públicas será maior que a meta de resultado fiscal perseguida pelo governo para este ano, que é déficit de R$ 139 bilhões. A estimativa consta na pesquisa Prisma Fiscal, elaborada pela Secretaria de

Volta Redonda Representantes brasileiros da empresa americana Energea se reuniram no final da tarde desta quartafeira (11) com o prefeito Samuca Silva e o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Joselito Magalhães, na prefeitura. Durante o encontro, o sócio do empreendimento no Brasil, Antônio Pires, declarou que a empresa, especializada em painéis de captação de energia solar, pretende instalar três unidades no país, mais especificamente no Estado do Rio. E mais:

Volta Redonda está na lista das cidades que podem receber o empreendimento. A empresa, segundo foi dito, fará investimentos da ordem de R$ 25 milhões em cada município que se instalar. - Estamos em fase de busca pelos locais e incentivos fiscais. Volta Redonda tem grande possibilidade de receber esse investimento, pois há uma área estratégica e o prefeito demonstrou interesse. A ideia é que até o fim do primeiro semestre deste ano, já estejamos funcionando - disse Antônio Pires. O prefeito reafirmou o

interesse em colaborar e trazer a empresa para a cidade: - A empresa se instalando aqui, teremos um aumento no ICMS Verde, além de gerar emprego e renda para a população – disse Samuca. Joselito Magalhães acrescentou a importância ambiental e econômica que a unidade da empresa americana pode gerar. “Já há empresários interessados em investir em energia solar. Uma empresa desse porte na cidade vai movimentar ainda mais esse segmento”, ressaltou o secretário.

Valorização dos professores Para a Confederação Nacional dos Trabalhado-

Mercado prevê déficit de R$ 148,3 bi do Governo Central em 2017

Divulgação

Diálogo: Samuca, secretários e assessores se reúnem com representantes de empresa

larial. Amâncio, no entanto, diz que ainda são necessários mais recursos. Uma vez que se tratam de recursos que os estados já receberiam, o presidente do Consed diz que a mudança “ajuda do ponto de vista de fluxo de caixa, mas não muda nada do ponto de vista da realidade do pagamento de salários”. O presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Alessio Costa Lima, também defende que é preciso rever a fórmula de cálculo do reajuste, que hoje “leva o gestor a uma situação que impossibilita fazer o pagamento”, uma vez que cresce acima do aumento dos repasses do Fundeb, principal fonte para o pagamento dos salários.

res em Educação (CNTE), as regras atuais devem ser mantidas e a educação deve ser priorizada. “Precisa de muita determinação e muito compromisso com a educação por parte dos gestores públicos para entender que não vai ter educação de qualidade se não tiver professores e funcionários trabalhando com um salário decente. O reajuste deve ocorrer mesmo com toda a crise que possa estar acontecendo”, defende o presidente da confederação, Roberto Franklin de Leão. Em 2009, quando a Lei do Piso entrou em vigor, o pagamento mínimo para professores passou de R$ 950 para R$ 1.024,67, em 2010, e chegou a R$ 1.187,14 em 2011. No ano seguinte, o piso passou a ser R$ 1.451. Em 2013, subiu para R$ 1.567 e, em 2014, foi reajustado para R$ 1.697. Em 2015, o valor era R$ R$ 1.917,78. Na série histórica, o maior reajuste do piso foi registrado em 2012, com 22,22%. No ano passado, o reajuste foi de 11,36%. Apesar do crescimento, atualmente os professores recebem o equivalente a 54,5% do salário das demais carreiras com escolaridade equivalente. A melhoria da remuneração dos professores faz parte do Plano Nacional de Educação (PNE), lei que prevê metas até 2024. Até 2020, os docentes terão que ter rendimento equiparado ao dos demais profissionais com escolaridade equivalente. O Fórum Permanente para Acompanhamento da Atualização Progressiva do Valor do Piso Salarial Nacional, criado em 2015 com o objetivo de discutir formas mais sustentáveis de pagar os professores, reuniu-se nesta quinta (12) pela primeira vez em 2017. O grupo, que conta com representantes do MEC, estados, municípios e trabalhadores, deverá, ao longo do ano, discutir mudanças para garantir os pagamentos.

Política Econômica do Ministério da Fazenda, com base em infor mações do mercado financeiro. O resultado foi divulgado nesta quinta-feira (12), em Brasília. Para 2018, a estimativa é déficit de R$ 125,9 bilhões. A projeção da arrecadação das receitas federais este ano caiu de R$ 1,356 trilhão para R$ 1,345 trilhão. Para 2018, a estimativa recuou de R$ 1,465 para R$ 1,458 trilhão.

Receita líquida Para a receita líquida do

Governo Central a estimativa para este ano manteve-se próxima da estabilidade, em R$ 1,160 trilhão. No caso da Despesa Total do Governo Central, a projeção chega a R$ 1,312 trilhão em 2017 e R$ 1,376 trilhão no ano que vem. A pesquisa apresenta também a projeção para a dívida bruta do Governo Central, que, na avaliação das instituições financeiras, deve cair de 77,7% do Produto Interno Bruto (PIB – a soma de todas as riquezas produzidas pelo país) para 76,8% este ano. Para 2017, a estimativa está em 80,4% do PIB.

Contribuinte poderá atualizar CPF pela internet já na semana que vem Brasília A partir de segunda-feira (16), o contribuinte poderá atualizar o CPF pela internet. A Receita Federal oferecerá, na página do órgão na internet, um formulário eletrônico que permite a alteração instantânea de dados como nome, endereço, telefone e título de eleitor. Segundo a Receita, o serviço estará disponível 24 horas por dia e poderá ser usado tanto por brasileiros como por estrangeiros residentes no Brasil, independentemente da idade. O órgão estima que 191 milhões de contribuintes serão be-

neficiados pela ferramenta. O novo serviço será gratuito. Atualmente, o contribuinte que deseja atualizar o CPF precisa ir a uma unidade dos Correios, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil e deve pagar R$ 7 de tarifa de serviço.

Novo comprovante Também na próxima segunda-feira, a Receita lançará os novos modelos de comprovante de inscrição e de situação cadastral no CPF, que continuarão a ser emitidos na página da Receita Federal. A principal mudança está na forma de autenticação, que será feita

por meio de QR code, tipo de emblema usado em dispositivos móveis. Atualmente, os comprovantes podem ser emitidos na página da Receita na internet. No entanto, de acordo com o órgão, o serviço é pouco usado porque a autenticação exige que os dados do documento (número de inscrição, código de controle, data da emissão e hora da emissão) sejam informados na íntegra para validação). Os dados dos comprovantes CPF com o QR CODE serão validados em tempo real com as informações constantes na base de dados da Receita Federal.


8 DIÁRIO DO VALE 

ECONOMIA

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

Serviços crescem, mas acumulado até novembro tem queda de 5% Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo prev~e dificuldades para recuperação Divulgação

Apesar do cenário, a CNC acredita que 2017 pode ser melhor, tendo em vista “a confiança dos empresários, a aceleração no corte de juros e o fechamento menos intenso de vagas de trabalho”. Os comentários da CNC foram feitos com base nos números do IBGE e que indicam resultados ainda tímidos, com resultados predominantemente negativos nos dados sazonalizados.

Rio Depois de ter fechado com resultados negativos em setembro (-0,4%) e outubro (-2,3%), o volume do setor de serviços encerrou novembro de 2016 com crescimento de 0,1% em relação a outubro – uma alta de 2,4 pontos percentuais de um mês para o outro. Ainda assim, o segmento fechou o período janeiro-novembro com queda acumulada de 5% e receita nominal com crescimento nulo (0,0%) em relação ao mesmo período de 2015. Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) e foram divulgados nesta quinta-feira (12), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com novembro de 2015, o setor acusou queda de 4,6%. Com esses resultados, a taxa acumulada nos últimos 12 meses também ficou em -5%. O crescimento de outubro para novembro de 2016, segundo o IBGE, se deu em todos os segmentos com destaque para Outros Serviços, cuja expansão foi de 3,3%; Transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (2,1%); Serviços de informação e comunicação (1%); Serviços profissionais, administrativos e complementares (0,8%) e Serviços prestados às famílias (0,2%). O agregado especial das Atividades turísticas cresceu 0,5%. A receita nominal do setor em novembro registrou a mesma variação positiva do volume dos serviços: 0,1% em relação a outubro, em ambos os casos na série com ajuste sazonal, e também na comparação com

Receitas crescem apenas 0,1%

Queda: Setor de serviços segue tendência nacional e apresenta baixa no volume mesmo mês do ano anterior (série sem ajuste sazonal). No acumulado dos últimos doze meses, a receita nominal do setor também foi de 0,1%.

Onde o crescimento foi maior Em relação a outubro, o volume de serviços cresceu mais na Bahia, Amazonas e Mato Grosso, mas 15 das unidades da federação apresentaram resultados regionais positivos no volume dos serviços em novembro frente a outubro e 12 observaram queda.

Na Bahia, o crescimento foi de 5,2%, o maior do país, e 5,1 pontos percentuais superior à media nacional do setor; no Amazonas (4,6%); e em Mato Grosso (2,6%). Já as maiores quedas foram observadas no Tocantins (-15,6%), Rondônia (-2,8%) e Santa Catarina (-2,2%). Já na comparação com novembro de 2015 (série sem ajuste sazonal), todas as unidades da federação apresentaram queda, à exceção do Distrito Federal, onde houve estagnação (0,0%). As maiores quedas

foram em Mato Grosso (33,1%), Rondônia (-22,1%) e Tocantins (-19,6%).

CNC prevê dificuldade A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) disse nesta quinta-feira (12) que uma recuperação mais sólida do ritmo de atividade econômica no setor de serviços do país ainda está “relativamente distante”. Segundo a entidade, os dados da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgados pelo Instituto Brasileiro de

Queda da inflação resulta de desaquecimento, mas é positiva Rio O recuo da inflação, que influenciou na redução da taxa básica de juros da economia, a Selic, em 0,75 ponto percentual, foi resultado da atividade econômica em baixa, segundo economistas consultados pela Agência Brasil. Eles explicam que, pressionadas por fatores como endividamento e desemprego, as famílias estão consumindo menos e isso favorece o controle de preços. Mesmo assim, avaliam como fato positivo para a economia a dupla queda da inflação e dos juros. Na manhã de quarta (11), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou 2016 em 6,29%. O patamar ficou abaixo do teto de 6,5% estabelecido pelo Conselho Monetário Nacional. A meta de inflação é 4,5%, com margem

de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. No fim da tarde, após sua primeira reunião em 2017, o Comitê de Política Monetária do Banco Central anunciou a redução na Selic de 13,75% para 13% ao ano. A queda foi maior que a prevista pelo mercado, que projetava recuo de 0,5 ponto percentual. A inflação é a principal variável levada em conta pelo Copom para decidir sobre a taxa básica de juros. Quando ela está em alta, o comitê eleva a Selic para ajudar a conter os preços. Quando a inflação cai, é possível reduzir os juros. “A inflação caiu bastante e por causa disso foi possível fazer uma redução da taxa Selic. Se é motivo para comemorar, depende muito do ponto de vista. Embora o fato de a inflação ficar abaixo do teto da meta seja um aspecto positivo, isso aconteceu porque a atividade econômica está muito baixa. Te-

mos nível de desemprego alto, falta de confiança para fazer investimento, inadimplência alta de pessoas e empresas”, enumera o economista Marcos Melo, professor de Finanças do Ibmec-DF. Apesar do cenário recessivo que possibilitou a queda da inflação e, como consequência, da taxa básica juros, Melo acredita que o movimento trará resultados positivos. “Quando você tem uma taxa de juros mais baixa, tem acesso a crédito. Por outro lado, isso possibilita o aumento do nível de emprego e da renda da população”. Segundo ele, mudanças como a redução de juros para empréstimos tendem a acontecer em poucos meses. O economista ressalta, contudo, que os sinais de reativação da economia ainda devem aparecer de forma modesta. “A gente deve ter uns sinais de melhoria, mas nada muito contundente”, acredita. Para o economista Anto-

nio Porto, professor da Fundação Getulio Vargas (FGV), os números dessa quarta-feira evidenciam que “baixou a febre” do país. “Não é a cura ainda”, destaca. “A inflação, que era o principal, baixou. Com isso, pôde-se baixar o juro alto. Isso deve estimular a economia. Começou a dar certo. O fato é que o crédito em geral fica mais barato e pode ser que estimule as empresas, as pessoas a comprarem em vez de aplicar financeiramente o dinheiro. Além de você ter o próprio efeito do anúncio, que é mais psicológico”, completa Porto. O governo comemorou a inflação abaixo do teto da meta em 2016. O presidente Michel Temer disse, em um evento no Palácio do Planalto, que o número divulgado pelo IBGE sinaliza que o governo está no caminho certo. Temer afirmou ainda que a inflação deve chegar ao centro da meta, 4,5%, ainda em 2017.

Governo prevê arrecadar R$ 4,5 bilhões com leilões de exploração de petróleo Brasília O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, disse nesta quinta-feira (12) que o governo prevê arrecadar entre R$ 3,5 bilhões e R$ 4,5 bilhões com a realização da 14ª rodada de licitações de blocos para exploração de petróleo e gás natural e da segunda rodada de leilões de blocos no pré-sal, sob o regime de partilha de produção. Os leilões estão previstos para ocorrer neste ano. “Foram anunciadas para este ano três rodadas: a rodada do onshore [em terra], a segunda rodada do pré-sal e a rodada do pós-sal. Precisamos nos unir para que todas sejam um grande sucesso”, afirmou o ministro, após participar da posse do novo diretor-

geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone, no Rio de Janeiro. Segundo o ministro, a expectativa de arrecadação está entre R$ 3,5 bilhões e R$ 4,5 bilhões para as três rodadas. “Essa expectativa é para outorga mínima, já que alguém pode ofertar mais”. Fernando Coelho prevê que até o final deste mês as áreas de exploração do onshore, do pré-sal e do pós-sal sejam publicadas no Diário Oficial da União. O ministro afirmou que o governo trabalha para que a licitação das áreas de onshore seja feita em maio e que a segunda rodada do pré-sal seja realizada ainda no primeiro semestre. As áreas de pós-sal devem ser leiloadas em setembro.

Retomada dos leilões O ministro destacou a necessidade de o governo retomar a realização regular dos leilões de exploração de petróleo e gás natural. “Precisamos retomar os leilões e a gente não quer repetir o insucesso que teve o último, seja porque a Petrobras tinha a obrigatoriedade de participar, seja pelo momento de dificuldade pelo qual a empresa passava ou seja por uma série de questionamentos e dúvidas que a indústria estava enfrentando. Estamos solucionando todas elas e a nossa expectativa é que tenhamos êxito no leilão deste ano e daí em diante a gente possa ter um calendário regular.” Na 13ª rodada de licitações, em outubro de 2015,

apenas 14% dos blocos oferecidos foram arrematados. Dos 266 blocos ofertados pela ANP, 37 foram arrematados pelas empresas inscritas. “A indústria acha que a previsibilidade de leilões é algo positivo. Eu, particularmente, acho também. Um calendário regular permite que as empresas se preparem, conheçam melhor o subsolo brasileiro. Tendo empresas que conheçam bastante o país, os processos ficam mais competitivos”, disse o novo diretor-geral da ANP, Décio Oddone, que substituiu Magda Chambriard. Oddone ressaltou que o setor de petróleo e gás no Brasil vive um novo momento, com atração de capitais, de agilidade nos processos e de facilitação do investimento com objetivo de gerar emprego e renda.

Geografia e Estatística (IBGE), comprovam a realidade da situação do setor. A previsão da CNC é que o setor feche o ano de 2016 com perda de 4,9% em volume de receitas, ressaltando que, de 2012 a 2015, a receita real do setor variou positivamente em 2012, 2013 e 2014 (+4,3% e +4,1% e +2,5%, respectivamente), mas fechou 2015 já em queda de -3,6%. A entidade lembra que o setor de serviços é o maior empregador do país, respondendo por 43% da atual força formal de trabalho.

A entidade disse que os números do IBGE indicam que, em novembro de 2016, o volume de receitas do setor de serviços cresceu apenas 0,1%, na comparação com outubro, interrompendo uma sequência de três quedas mensais consecutivas da série com ajustes sazonais – mesmo crescimento do volume dos serviços. Apesar do resultado positivo, uma recuperação mais sólida do ritmo de atividade econômica no setor terciário ainda se encontra relativamente distante, uma vez que, na comparação com o mesmo mês do ano passado, houve retração de 4,6%, a vigésima seguida, lembra Fabio Bentes, economista da CNC. Para ele, “as perdas reais de receitas seguem assolando os cinco grupamentos de atividades da PMS desde abril de 2016”. Sendo assim, segundo o economista, “quando da divulgação dos resultados de dezembro, o setor de serviços terá confir mado 2016 como o ano de pior desempenho em volume de receitas desde o início da pesquisa”.

Pedidos de recuperação judicial batem recorde em 2016, diz Serasa Rio Os setores de comércio, indústria e serviços bateram recorde de pedidos de recuperação judicial em 2016. O resultado, divulgado (12) pela Serasa Experian, é o pior desde 2005, início da série histórica do levantamento. No total, foram 1.770 processos deste tipo no ano passado: 713 no setor de serviços, 611 no comércio e 446 na indústria. “O aprofundamento da recessão econômica em 2016 atingiu de forma significativa o consumo das famílias, seja pela elevação do desemprego, seja pelo encarecimento do crédito. Assim, o comércio foi o setor econômico que acabou sofrendo mais intensamente a redução do consumo, provocando dificuldades financeiras às empresas deste setor”, destaca a Serasa.

Na comparação com 2015, o comércio foi o setor que apresentou a maior elevação no número de recuperações judiciais requeridas em 2016, com aumento de 51,2% nos pedidos. O setor de serviços vem em seguida, com 48,5% a mais. Já na indústria, os pedidos de recuperação judicial cresceram 24,2%, de um ano para o outro.

Falências O levantamento mostra também que aumentou o número de pedidos de falência no ano passado em relação a 2015. Foram 1.846 solicitações em 2016 ante 1.760 no ano anterior. O setor de serviços também liderou os pedidos de falência, com 746 processos. Em seguida, aparecem a indústria, com 676 falências requeridas, e o comércio, com 424 pedidos.

Detro anuncia reajuste de tarifas intermunicipais Rio O Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) publicou na edição de quarta-feira (11) do Diário Oficial do Estado uma portaria que autoriza as novas tarifas para o sistema rodoviário intermunicipal de passageiros do Estado do Rio de Janeiro. O índice de reajuste, determinado pela variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) dos últimos 12 meses, é de 6,99%. Às tarifas obtidas

pela aplicação dos coeficientes atualizados pela variação do IPCA foram adicionadas o valor de R$ 0,2783, conforme determinação do governador Luiz Fernando Pezão, referente aos débitos decorrentes da Lei n° 4.510/05. As novas tarifas intermunicipais entram em vigor a partir de 00 hora do dia 14 de janeiro de 2017. O aviso sobre o valor das novas tarifas deverá ser afixado pelas empresas, nos ônibus, guichês e pontos de vendas de passagens.


SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

DIÁRIO DO VALE 9

POLÍTICA



Nacional Justiça determina bloqueio dos bens do ex-governador Eduardo Azeredo Bloqueio atendeu recurso do Ministério Público de Minas em processo sobre o Mensalão Mineiro Divulgação

mais foro privilegiado e decidiu encaminhar a ação à Justiça mineira. O ex-governador de Minas Gerais é também um dos fundadores do PSDB e ex-presidente nacional da legenda. Em dezembro de 2015, ele foi condenado em primeira instância à pena de 20 anos e 10 meses de prisão. Seus advogados entraram com recurso no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Azeredo aguarda o julgamento em liberdade.

Belo Horizonte O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) determinou o bloqueio dos bens do ex-governador do estado Eduardo Azeredo (PSDB). A decisão do desembargador Jair Varão decorre da denúncia de improbidade administrativa relacionada com a Ação Penal 536, processo conhecido como mensalão mineiro. Eduardo Azeredo teria transferido cerca de R$3 milhões das estatais Companhia de Saneamento de Minas Gerais e Companhia Energética de Minas Gerais - para empresas do publicitário Marcos Valério. Os valores seriam destinados à realização do evento Enduro Nacional da Independência, mas a movimentação ocorreu sem nenhuma licitação e nem formalização de contrato administrativo. O bloqueio atendeu um recurso do Ministério Público de Minas Gerais contra sentença de primeira instância do juiz Adriano de Mesquita Carneiro de agosto do ano passado. Naquela ocasião, o magistrado determinou que fossem bloqueados um total de R$ 25 milhões dos bens de outros oito investigados pelo esquema, como o publicitário Marcos Valério e o ex-vicegovernador de Minas Gerais, Clésio Andrade (PMDB). No entanto, ele excluiu Azeredo por falta de “justa causa”.

Delação

Tucano: Eduardo Azeredo foi presidente do PSDB e governou Minas gerais na época do escândalo O desembargador Jair Varão, porém, considerou que o ex-governador era o maior beneficiário do esquema e não seria “crível que o candidato à governadoria do estado não estava a par da origem dos recursos destinados à sua própria campanha eleitoral”. Ele também afirmou que a decisão “visa a assegurar eventual reparação ao erá-

rio, no caso de procedência da ação principal”. A decisão é do dia 23 de novembro e a ordem de bloqueio foi emitida sete dias depois. Mas não está clara na posição do desembargador qual o montante a ser bloqueado. Azeredo ainda pode recorrer. A Agência Brasil tentou contato com a defesa do ex-governador e aguarda retorno.

Mensalão mineiro O processo do mensalão mineiro envolve um esquema que beneficiaria a campanha de reeleição de Eduardo Azeredo ao governo de Minas Gerais em 1998. O candidato do PSDB acabou perdendo o pleito para Itamar Franco (PMDB). A tramitação do proces-

so no Supremo Tribunal Federal (STF) começou em 2003, mas somente em 2009 a Procuradoria-Geral da República (PGR) ofereceu denúncia contra o ex-governador de Minas Gerais por peculato e lavagem de dinheiro. Na época, Eduardo Azeredo ocupava cargo de deputado federal e decidiu renunciar em 2014. O STF entendeu que ele não tinha

Operador do mensalão mineiro e também réu no processo, o publicitário Marcos Valério entregou à PGR em novembro do ano passado um documento com mais de 100 anexos como colaboração. Ele espera fechar um acordo de delação premiada e, como uma das contrapartidas, garantir uma transferência de penitenciária. Atualmente Marcos Valério cumpre pena de 37 anos por seu envolvimento em outro esquema, julgado na Ação Penal 470, conhecida como processo do mensalão. O publicitário foi condenado pelos crimes de corrupção ativa, peculato, evasão de divisas, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Políticos do PT, PMDB, PP, PTB e do extinto PL também foram implicados no esquema e presos.

Manifestantes fazem ato contra precarização da Uerj e de hospital Rio Professores, servidores, alunos e ex-alunos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro participaram nesta quinta-feira (12) de um protesto contra a falta de recursos que tem causado prejuízos às atividades acadêmicas e aos atendimentos do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe). Os manifestantes se reuniram na porta do hospital, em Vila Isabel, na zona norte do Rio de Janeiro. De lá, iniciaram uma caminhada em direção ao campus principal da Uerj, também na zona norte. Sem recursos de custeio desde agosto e com pesquisas paralisadas pela falta de repasses, a Uerj também sofre com redução de leitos no Hupe. Dos mais de 500, apenas 92 estão disponíveis para pacientes, o que tem prejudicado aulas práticas e o atendimento à comunidade. A aposentada Rosalina de Jesus, de 60 anos, se trata de doença de Chagas no hospital há 30 anos. Nos últimos meses, percebeu problemas em serviços como a limpeza se agravarem. - Eu, como paciente, apoio os médicos e os professores, porque, pra mim, é um dos melhores hospitais que tem no Rio de Janeiro. Se ele fechar, como vai ficar a nossa vida? - preocupa-se a aposentada. Em diversos momentos, motoristas que passaram em frente à manifestação buzinaram como sinal de adesão ao movimento, que também rece-

beu apoio de pacientes e acompanhantes que entravam e saíam do hospital. O protesto gritou palavras de ordem contra o governo do estado e pediu a saída do governador, Luiz Fernando Pezão, e do seu partido, o PMDB. O professor de medicina Henrique Aquino dá aula na Uerj há 36 anos e conta nunca ter visto uma situação tão grave. “A universidade está praticamente parada e isto se reflete no hospital, onde é o campo de prática não só dá medicina, mas de diversas outras especialidades”. Com menos leitos, os alunos têm perdido a oportunidade de aprender a prática da profissão, e o problema tem sido contor nado com a utilização de espaços em outras unidades de saúde. O contato entre médico e paciente, considerado um dos principais ensinamentos da atuação no hospital, tem sido muito prejudicado. - Antes, conseguíamos reunir um ou dois alunos e o paciente, para que eles tivessem uma relação. Como vou fazer isso com dez alunos para um paciente? - questiona o professor. Sem receber um salário completo desde novembro, a fisioterapeuta Christiane Fialho conta que viu a crise se agravar rapidamente, em um intervalo de um ano e meio a dois anos. “Em 2011, estávamos funcionando com mais de 500 leitos. A gente vê que a crise vem de um ano e meio para cá. Depois das Olimpíadas, ficou precário”, diz ela. Servidora do Hupe

desde 2009, ela relata que colegas passam por uma situação difícil: “A grande massa do hospital são profissionais que têm só esse vínculo [empregatício]. A gente convive com cole gas que estão sem suas necessidades básicas, que estão passando fome. As pessoas não têm mais dinheiro para vir trabalhar”.

Cremerj O presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremej), Pablo Vazquez, classificou a situação como grave e disse que a população precisa se mobilizar contra a precarização do hospital. “Existe um percentual elevado de leitos desativa-

dos e a ameaça de fechar na íntegra, 100% dos leitos. A população tem que ir para as ruas porque isso é muito grave”. Ao sair do hospital após visitar a irmã, que está internada, Dilma Maria Silva, de 66 anos, conta que chorou ao saber da situação do Pedro Ernesto. “Não tenho palavras. Esse hospital é maravilho-

so. Meu marido é aposentado daqui e venho me tratar há quase 40 anos”. Com o atraso no pagamento das aposentadorias do marido, ela sustenta a casa sozinha com seu trabalho de cuidadora de idosos, apesar de também ser idosa. “Tenho que trabalhar fora, porque, se não, como vão ficar as nossas contas?”.


10 DIÁRIO DO VALE

GERAL



SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

Caixa Econômica celebra 156 anos Desde sua criação, em 1861, instituição financeira atua como agente de políticas públicas Divulgação

Rio Nesta quinta-feira (12), a Caixa Econômica Federal completa 156 anos de criação reafirmando seu compromisso de estar presente na vida de milhões de brasileiros. Com 85,9 milhões de clientes, 60,6 mil pontos de atendimento e 95,1 mil empregados, a Caixa se consolida como o maior banco público da América Latina. De acordo com dados divulgados no balanço do terceiro trimestre de 2016, a Caixa injetou R$ 516,4 bilhões na economia brasileira por meio de contratações de crédito, distribuição de benefícios sociais, investimentos em infraestrutura própria, remuneração de pessoal, destinação social das Loterias, entre outros. O banco detém 66,8% de participação no mercado de crédito habitacional, com saldo de R$ 401,5 bilhões e evolução de 6,7% em 12 meses. O banco possui atualmente a segunda maior carteira de crédito no país e viabiliza a contratação de grandes obras de infraestrutura e saneamento. O banco também é o agente responsável pelo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), pelo Programa de Integração Social (PIS) e pelo Seguro-Desemprego, e opera os principais programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família – que beneficia mais de 13 milhões de brasileiros, FIES e Programa Minha Casa Minha Vida. A rede de atendimento da Caixa conta atualmente com 60,6 mil pontos de atendimento, responsáveis por 6,2 bilhões de transações bancárias até setembro/2016. São 4,2 mil agências e postos de atendimento, 25 mil correspondentes CAIXA Aqui e lotéricos, e 31,4 mil máquinas distribuídas nos postos e salas de autoatendimento. O banco possui 95,1 mil empregados concursados, além de 14,8 mil estagiários e aprendizes. A empresa também cresceu em volume de transações pela internet, registrando 1,5 bilhão de transações

via smartphone e Internet Banking e atingindo a marca de 15,7 milhões de usuários de Inter net Banking e 3,9 milhões de usuários dos aplicativos da CAIXA em smartphones. Segundo o presidente do banco, Gilberto Occhi, a Caixa tem trabalhado continuamente para oferecer serviços de qualidade e contribuir para crescimento do país. “A CAIXA se orgulha de estar presente, há muitos anos, na vida de milhões de brasileiros, prestando bons serviços com dedicação e eficiência. Aproveito mais este aniversário, para, em nome dos seus empregados, garantir que a CAIXA continuará trabalhando com afinco para cumprir sua missão: atuar na promoção da cidadania e do desenvolvimento sustentável do país, como instituição financeira, agente de políticas públicas e parceira estratégica do Estado brasileiro”.

História: No dia 12 de janeiro de 1861, Dom Pedro II assinou o Decreto nº 2.723, que fundou a Caixa Econômica da Corte. Em 1931, iniciou as operações de empréstimo por consignação para pessoas físicas. Em 1934, por determinação do governo federal, assumiu a exclusividade dos empréstimos sob penhor. No dia 1º de junho do mesmo ano, foi assinada a primeira hipoteca para a aquisição de imóveis da Caixa do Rio de Janeiro. Em 1961, assumiu a administração exclusiva das loterias federais. Em 1986, a Caixa incorporou o Banco Nacional de Habitação (BNH) e se tornou o maior agente de financiamento da casa própria e promotora do desenvolvimento urbano, especialmente saneamento. Com a extinção do BNH, tornou-se o principal agente do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), administradora do FGTS e de outros fundos do Sistema Financeiro de Habitação (SFH). Em 1990, iniciou ações para centralizar todas as contas vinculadas do FGTS, que, à época, eram administradas por mais de 70 instituições bancárias.

Crise: Lideranças sindicais do Sul Fluminense participam de ato em frente ao banco

Sindicato critica ameaça de sucateamento Apesar da relevância da data, os trabalhadores do banco se sentem ameaçados e com poucos motivos para comemorar. Em todo o país, foram realizados protestos por melhores condições de trabalho, em defesa do banco público, fim dos descomissionamentos arbitrários e do caixa-minuto. No Sul Fluminense, diretores do Sindicato dos Bancários distribuíram a população boletim informativo e uma carta aberta explicando acerca da grande preocupação dos trabalhadores com o PDV (Plano de Demissão Voluntária) anunciado pela direção do banco nos grandes meios de comunicação no início deste ano. A intenção é ‘desligar’ pelo menos 10 mil trabalhadores da instituição. Além disso, na última terça-feira, dia 10, em nova reportagem veiculada em nível nacional, o presidente Michel Temer disse que quer estimular

a vinda de bancos estrangeiros para o Brasil. Auxiliares da Presidência da República já estariam discutindo, inclusive, como “eliminar barreiras legais para aumentar a participação dessas instituições no Sistema Financeiro Nacional. Ainda segundo o jornal, esse movimento já começaria a ser feito este ano. As iniciativas remontam à época dos governos Collor e FHC, quando a abertura do SFN (Sistema Financeiro Nacional) aos bancos estrangeiros levou a um boom que tinha como justificativa a concorrência para melhorar o mercado. Nada disso aconteceu e a maior parte deles acabou saindo do país ou sendo incorporado pelos bancos nacionais. Em 1990, havia 32 bancos estrangeiros operando no Brasil. O mercado interno bateu em 72 no ano de 2001 e começou a cair, chegando a 55 em 2009 (segundo estudo do Ipea). Atualmente há 66 bancos estrangeiros ou com controle externo no Brasil, 78 nacio-

nais e 10 públicos. Instituições como Citibank, Chase Manhattan, Bank Boston, ABN, Loyds, Deustche Bank, BBVA e o recentemente incorporado HSBC deixaram legiões de trabalhadores desempregados e clientes insatisfeitos com o fim de suas contas. A verdade é que a tão propagada concorrência não levou as grandes alterações no mercado interno, à exceção do espanhol Santander (que adquiriu, dentro outros, o Banco do Estado de São Paulo, o Banespa), seguem encabeçando o setor os nacionais privados Itaú e Bradesco, e os públicos federais BB e Caixa. A direção da CEF alega que o PDV vai viabilizar a economia de até R$ 1,5 bilhão por ano, a partir de 2018. Para os diretores do Sindicato, a medida vai causar o sucateamento da CEF. “O PDV precisa vir acompanhado da reposição de novos funcionários, caso contrário acarretará a piora nas condições de trabalho, com extrema sobrecarga de serviço. O Plano de Demissão tam-

bém pode acarretar o fechamento de agências. Hoje, a CEF tem 4,2 mil agências e pontos de atendimentos em todo o país. Somente em 2016, o quadro de funcionários da instituição passou de 100,3 mil para 97 mil”, explicaram os diretores. O diretor do Sindicato pela CEF, Júlio Cavalieri, ainda chamou atenção para o Estatuto das Estatais, que visa transformar todas as empresas estatais e de economia mista em sociedades de capital aberto. “Temos travado uma luta intensa para que a Caixa não tenha seu capital aberto, pois entendemos a importância da instituição em promover o desenvolvimento do país, por meio de sua função de agente financeiro de políticas públicas de Estado. Portanto, neste aniversário da CEF, reafirmamos nosso compromisso em defesa da Caixa e do seus trabalhadores”, concluiu o sindicalista.

Para 58% dos empresários de varejo e serviços, 2017 será um ano melhor Rio Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) com empresários do varejo e prestadores de serviços das 27 capitais e do interior do Brasil mostra que ao menos parte dos entrevistados está otimista com relação às expectativas para 2017: para 58,4% a economia será melhor neste ano do que em 2016. Apenas 8,4% acreditam que a conjuntura econômica ficará pior e, entre estes, 39,7% afirmam que uma das principais consequências será a dificuldade em economizar e fazer reserva financeira ou capital de giro. 32,4% afirmam que farão menos compras e outros 32,4% vão deixar de comprar coisas que a empresa não precisa porque terão menos dinheiro e 26,5% acreditam que será mais difícil manter as contas em dia. Para superar os problemas decorrentes da crise econômica do país que persistirem em 2017, 28,7%

das empresas pretendem pagar mais coisas à vista, 25,5% farão pesquisas de preço e 24,1% irão negociar e pedir mais descontos na hora das compras. Na lista dos problemas mais importantes para serem resolvidos em 2017 na opinião dos empresários se destacam: crise econômica (61,9%), corrupção (60,5%), violência (51,6%) e inflação (47,8%). Mesmo com a maioria acreditando que o ano será melhor do que o anterior, ainda há 36,7% que temem que o país não consiga sair da crise. Esse é o temor mais citado pelos entrevistados. Em seguida, aparece o medo de ter que fechar a empresa (18,6%), ser vítima de algum tipo de violência (15,6%) e não conseguir pagar as dívidas (13,5%). Para o presidente da CNDL, Honório Pinheiro, é importante ter em vista que mesmo no cenário mais otimista, a superação do quadro econômico será um processo lento. “Isso, no entanto, não significa que ninguém possa crescer. Há empresas que mesmo

na crise conseguem avançar. Isso depende fundamentalmente do setor, mas também de atitudes que podem estar ao alcance do empresário. O momento exige que todas as decisões tomadas no âmbito da empresa sejam muito informadas, com a devida avaliação dos riscos envolvidos”, afirma Pinheiro. Em relação à própria empresa, 58,4% dos entrevistados estão animados para concretizar seus projetos e 27,4% estão sem expectativas, positivas ou negativas. Há ainda 8,8% que se dizem desanimados com tudo. Para 2017, 29,1% dos empresários afirmam não ter algum projeto específico, mas têm a esperança de que coisas boas acontecerão. Cerca de 27,6% pretendem ampliar o negócio e 20,9% lançar novos produtos ou serviços. Questionados sobre suas intenções para este novo ano, 17,0% afirmaram que comprarão equipamentos, 9,2% pretendem fazer aplicações periódicas de investimentos, seja na poupança ou outras opções como renda fixa e CDB e 5,0% pre-

tendem financiar um automóvel, seja carro ou moto.

Retrospectiva 2016 De acordo com a pesquisa do SPC Brasil e da CNDL, os empresários avaliam 2016 como pior do que o ano anterior: para 62,3% dos empresários de varejo e serviços, ao longo de 2016 as condições gerais da economia pioraram na comparação com 2015, enquanto 26,3% opinaram que as condições nem melhoraram nem pioraram e apenas 9,4% notaram alguma melhora. Quanto à situação financeira da própria empresa, 48,3% acha que piorou e 14,7% afirmam que a situação melhorou. Entre estes, os principais motivos citados foram o aumento do volume de vendas (48,8%) e o aumento da carteira de clientes (37,2%). Já entre as empresas que afirmam que a situação da empresa piorou, os principais motivos foram os resultados ruins das vendas (63,5%) e o aumento dos custos, que resultaram em diminuição da margem

de lucro para não perder vendas (29,0%). Seis em cada dez empresários (60,2%) conseguiram manter as contas em dia em 2016, mas 22,1% ficaram com muitos compromissos no vermelho, 17,3% tiveram que reduzir o mix de serviços e produtos e 6,4% acabaram sendo registradas em órgãos de proteção ao crédito. O levantamento mostra uma redução de nove pontos percentuais no número de empresas que conseguiram fazer uma reserva financeira entre 2015 e 2016, que passou de 20,9% para 11,6%. “Mesmo que o Brasil ainda esteja no meio de uma crise econômica nesse começo de 2017, uma quantidade considerável de empresários está relativamente confiante com relação aos seus negócios. Isso é explicável pelo fato de que muitos deles acreditam que uma gestão eficiente de seu próprio negócio, com ajuste de estoques e do portfólio de produtos, além de criatividade, pode ajudá-los a enfrentar e driblar as dificuldades impostas pelo fraco ambiente econômico”, afir-

ma o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro.

Cortes ou ajustes Seis em cada dez empresários (59,6%) acreditam que as demais empresas de seu segmento estão em condições semelhantes à sua. Quase a metade (48,1%) das empresas teve que fazer cortes ou ajustes no orçamento de 2016 e entre as principais medidas tomadas estão a demissão de funcionários (59,2%), corte na conta de telefone fixo ou celular (34,9%) e na conta de luz e/ou água (26,8%). Entre as empresas que tiveram que demitir, a média foi de 2,5 funcionários. Outros 6% afir mam que ainda terão que demitir funcionários em 2017 e 18% ainda não se decidiram. Para realizar as atividades da empresa com uma quantidade menor de funcionários, 26,3% das empresas redistribuíram as atividades entre os outros membros da equipe. 25,0% afirmaram que houve redução da demanda de trabalho, e que não foi necessário redistribuir.


SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

DIÁRIO DO VALE 11

ESPORTES



FLORIDA CUP

Atlético-MG é derrotado pelo Bayer Leverkusen Galo Mineiro passou por problemas durante vários momentos da partida Orlando, EUA O time alternativo do Atlético não foi forte o suficiente para aguentar a força europeia do Bayer Leverkusen, e perdeu por 1 a 0, na noite desta quarta-feira, no Espn World Wide of Sports Complex, em sua estreia na Copa da Flórida, em Orlando, nos EUA. O que pareceu durante a partida é que o clube alemão não teve tanta dificuldade para bater o Galo. A equipe dominou o jogo a partir dos 15 minutos do primeiro tempo e não sofreu para seguir assim. O Atlético passou por problemas durante vários momentos da partida e não

conseguia ter forças para sair, tanto pelo meio quanto pelas pontas. O Atlético agora se prepara para enfrentar o Tampa Ray, no próximo sábado.

Primeiro tempo O duelo começou marcado pelo equilíbrio. No entanto, essa igualdade foi apontada por ausência da melhor técnica de futebol. Tanto o Galo quando o Bayer não conse guiam render seu melhor em campo e os dois lados mostravam consistência defensiva. O Bayer, após os 15 minutos, passou a ter mais facilidade nas chegadas, sobretudo pelos lados do cam-

po. A equipe alemã começou a observar que o Atlético tinha certa dificuldade pelos lados, sem falar que por estar no começo da temporada ainda tinha problemas físicos. Com o passar do tempo, o Atlético não tinha mais forças para sair jogando. Muita fragilidade no centro do campo, com a saída de bola tendo claras dificuldades, enquanto as alas sofriam também nas escorregadas em busca do ataque. Aos 43, o Bayer chegou com mais perigo. A equipe alemã aproveitou o erro da zaga e pegou o goleiro Uilson desprevenido. O zagueiro Jesiel chegou na última hora para tirar a redonda.

No último minuto, em cobrança de falta, o arqueiro preto e branco só olhou a bola chorar no travessão.

Segundo tempo A volta do intervalo mostrava cenário parecido ao primeiro tempo. O Galo se segurando, sem forças pelos lados e, muito menos, pelo meio. Com isso, o clube alemão levou apenas seis minutos para abrir o placar. Com cruzamento da direita, Chicharito, de cabeça, colocou no fundo das redes, sem chances para o goleiro Uilson. Ao marcar o gol, o atacante acabou com jejum de três meses sem marcar gols, dando esperanças

para a torcida alemã de dias melhores com a camisa do Bayer que tem confrontos importantes pela frente com duelos pela Liga dos Campeões. Mesmo após sofrer o tento, o Atlético não conseguia se recuperar. As saídas de jogo ficavam cada vez mais difíceis e o Galo se complicou no meio cam-

po. O Bayer só administrou, mas impunha sua força tanto no ataque quanto na defesa. Prova disso foi a ausência de chances preto e brancas. E assim foi até o fim do jogo, com o Galo sendo pouco eficaz, sem forças para chegar ao ataque e observando o Bayer sendo mais forte e levando a vitória.

BAYER LEVERKUSEN-ALE 1 X 0 ATLÉTICO MINEIRO-BRA Local: ESPN Wide World of Sports Complex, em Orlando (EUA) Horário: 22 horas (de Brasília) Árbitro: Matt Miscannon (EUA) Assistentes: Não divulgados Gol: Chicharito, aos 6 minutos do segundo tempo (Bayer) ATLÉTICO: Uilson, Patric, Jesiel, Nathan (Cícero) (Pedro), Leonan; Lucas Cândido, Cícero, Roldan (Ralph), Thalis; Capixaba e Carlos (João Figueiredo) Técnico: Diogo Giacomini BAYER: Bernd Leno, Benjamin Henrichs (Danny da Costa), Jonathan Tah, Aleksandar Dragovic, Wendell, Kevin Kampl, Charles Aránguiz, Hakan (Yurchenko), Julian Brandt, Chicharito Hernandez (Karim Bellarabi). Técnico: Roger Schmidt

Uefa faz alerta sobre crescimento Fluminense apresenta lateral direito Lucas ‘inalcançável’ dos clubes europeus Rio

Divulgação

Londres, Inglaterra Em relatório oficial, divulgado pelo jornal inglês Daily Mail, a Uefa demonstrou preocupação com o rápido e, praticamente, inalcançável crescimento dos grandes clubes europeus. No documento, a instituição levanta um alerta para a questão da desigualdade existente entre as gestões e acúmulo de riqueza dos times, e aproveita para reforçar a necessidade do fairplay financeiro. O fair-play financeiro, em questão, diz respeito ao papel da Uefa em “melhorar a saúde financeira global do futebol”, para isso, os clubes precisam provar à instituição de que não têm dívidas em atraso, tanto com questões básicos do clubes, quanto com o salário dos funcionários e jogadores, por exemplo. Caso não sejam cumpridas as recomendações, o Comitê de Controle Financeiro de Clubes da Uefa poderá aplicar multas, advertências e qualquer tipo de repreensão, dependendo da gravidade da situação. A instituição continental cita nove clubes no documento: Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Barcelona, Real Madrid, Bayern de Munique e PSG. Estes são considerados pela Uefa por terem se tornado grandes marcas mundiais e, com isso, monetizaram suas bases de torcidas por todo o mundo “como nunca antes foi visto”. Economicamente, isso significa que estes times tiveram suas ren-

Astros: Clubes como Barcelona têm no elenco todos os jogadores de seleção

Volta Redonda Neste sábado, quando o Volta Redonda entrar em campo para enfrentar o Taubaté, em mais um jogo-treino, o técnico Cairo Lima estará resgatando uma dupla for mada na base do Fluminense e que encantou pela habilidade e boa marcação. João Cleriston - considerado o melhor volante da série D no ano passado - terá como companheiro de setor Higor Leite, que pela segunda vez vestirá a camisa do Volta Redonda.

Vasco perto de fechar com meia Wagner Rio

das anuais aumentadas, em média, em 100 milhões de libras (cerca de R$ 390 milhões), por conta de vendas de camisas e de relações com os patrocinadores, por exemplo. Este crescimento desenfreado dos maiores da Europa, e do mundo, causa desequilíbrio diante dos demais times no futebol, já que essa riqueza é distribuída entre poucos. A Uefa

aproveitou para citar o caso do Leicester, alegando que se este tipo de problema continuar existindo, será cada vez mais difícil ver uma equipe menor vencendo uma competição importante, como aconteceu na temporada passada no Campeonato Inglês. Ainda assim, a Uefa reforça que o “crescimento tão diferente de ingressos não é consequência do fair-

play financeiro, sendo resultado da globalização crescente, e da capacidade dos clubes de aproveitarem suas mais-valias comerciais”, conforme o documento. “Como guardiã do futebol na Europa, a Uefa precisa ficar atenta sobre o aumento da concentração de renda de patrocinadores e vendas comerciais entre clubes poderosos”, acrescentou.

Time base do Voltaço será testado no sábado Manoel Alves

O Fluminense apresentou de forma oficial nesta quinta-feira o lateral direito Lucas. O jogador já vinha treinando com o restante do elenco, mas só vestiu a camisa tricolor após confirmação do vínculo. Lucas estava no Cruzeiro, mas não teve muitas oportunidades em 2016. Por isso, o jogador vê a chegada ao Fluminense como uma oportunidade de dar a volta por cima na carreira. - Toda vez que você chega a uma nova equipe é um recomeço. Para mim não é diferente, estou muito feliz, muito motivado, espero ter um ótimo ano junto aos meus companheiros - disse. O lateral revelou que aceitou de imediato o convi-

Os dois são formados em Xerém e pertencem a uma safra de bons jogadores formados na base do Fluminense. João teve menos chances, mas Higor Leite chegou a ser relacionado várias vezes para a equipe titular do tricolor. Em sua primeira passagem pelo Volta Redonda, na temporada de 2015, ele se notabilizou pela boa marcação e pela saída de bola de qualidade. Foi exatamente a mesma função exercida na série D por João Cleriston. Os dois foram escalados na equipe titular para o jogotreino contra o Taubaté, no

sábado, às 9 horas, no CT do Bairro Aero Clube, no terceiro teste da equipe que estreia no estadual dia 28, contra o Resende. Com base nos treinamentos da semana, o time deverá começar o jogotreino com: Douglas, Henrique, Luan, Mailson e Cristiano; João Cleriston, Higor Leite, Marcelo e Diego Souza; Pipico e David Batista. Com esta escalação, o torcedor vai sentir que o time também muda a postura se comparado ao estilo implantado por Felipe Surian em 2016. O ex-técnico montou um esquema

com três fixos no meio e três atacantes, enquanto Cairo Lima prefere quatro no meio, sendo três de forte marcação e um de criação, com dois atacantes adiantados sem a responsabilidade de voltar para marcar, como ocorria com Felipe Surian. São estilos diferentes, apesar dos dois treinadores terem iniciado a carreira com Ricardo Drubsky, que teve uma passagem também pelo time da Cidade do Aço. “Frequentamos a mesma escola, o mesmo professor, mas temos estilos próprios”, disse Cairo Lima.

te feito pelo técnico Abel Braga de acertar com os tricolores. Lucas já teve passagem pelo Botafogo, onde chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira. - Eu não pensei duas vezes quando o Abel Braga me ligou e disse que queria contar comigo. Já queria voltar ao Rio, minha família mora aqui e o tamanho do Fluminense me deu a certeza de que teríamos um ano de sucesso e conquistas - declarou. A chegada de Lucas já rendeu polêmica nas redes sociais após uma foto sue ser veiculada. Nela, o jogador aparece visivelmente acima do peso. No entanto, o preparador físico Manoel Santos já saiu em defesa do lateral e destacou que seu percentual de gordura está dento dos padrões do elenco.

O elenco do Vasco já está nos EUA, onde vai fazer parte da pré-temporada e disputar a Florida Cup. Já a diretoria segue no Rio de Janeiro em busca de reforços para a temporada. O novo nome que é ventilado em São Januário é o do meia Wagner, que estava no Tianjin Teda, da China. O jogador de 31 anos rescindiu contrato com o clube chinês e ficou próximo do acerto com o Corinthians. No entanto, a negociação dos paulistas não evoluiu e o Vasco passou a se interessar pelo atleta. Wagner marcou apenas dois gols em 20 jogos pelo clube chinês. Antes disso, o meia teve passagem pelo Fluminense e Cruzeiro, no futebol brasileiro. O técnico Cristóvão Borges, antes da viagem para os EUA, destacou a impor-

tância do Vasco buscar reforços. No entanto, o treinador não adiantou quais seriam os jogadores que os dirigentes estão negociando neste momento. - Claro que precisamos de reforços, sabemos disso. Nós precisamos de mais e vamos ter mais. Não vai demorar. Vamos ter mais peças para ficar mais fortes. Não vou falar sobre jogadores, porque temos jogadores em que as negociações estão bastante adiantadas. Quando a gente consegue concretizar, a gente anuncia - disse. Além de Wagner, o Vasco espera anunciar a contratação do atacante Luís Fabiano, que também estava no futebol chinês. O jogador tenta a rescisão de contrato para poder definir qual será seu destino. A Ponte Preta é outro clube que está interessado no atleta.


12 DIÁRIO DO VALE

ESPORTES



SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

Fla apresenta lateral esquerdo Trauco Aos 24 anos, atleta nunca tinha saído do Peru para jogar; seu último time foi o Universitário Divulgação

Rio O primeiro reforço confir mado para a próxima temporada do Flamengo foi o peruano Miguel Trauco. Logo no início de dezembro de 2016, a diretoria flamenguista anunciou a vinda do lateral esquerdo. Nesta quinta-feira, Trauco, que espera aproveitar os próximos dias no Rio de Janeiro para aprender a falar em português, foi apresentado no CT do Urubu e disse que chegará para disputar posição e até ajudar no ataque, o jogador selou vínculo de três anos com o Rubro-Negro. Miguel já está integrado ao grupo desde a reapresentação do time, que aconteceu nesta quarta-feira. Na temporada passada, o jovem lateral Jorge foi quem ocupou a posição titular ao lado esquerdo do campo. Ele, que foi indicado para a seleção do Campeonato Brasileiro pela Gazeta Esportiva, será o colega de elenco que dará trabalho para que Miguel Trauco possa buscar seu espaço. O peruano, porém, já afirmou que esta disputa será essencial. - Não tive oportunidade de falar com Jorge, mas é bom para o Flamengo ter uma grande competição na posição - pontuou. Aos 24 anos, Trauco nunca tinha saído do Peru para jogar. Seu último time foi o Universitário, onde sua atuação – que ajudou a levar o time à conquista do Campeonato Peruano – despertou o interesse do Rubro-Negro. “É a primeira vez que atuo fora do meu país, espero que seja melhor maneira, a adaptação será rápida, temos vários sul-americanos, tem o Paolo (Guerrero) que pode me ajudar”, destacou. “O Flamengo é um clube grande, por isso decidir vir aqui, espero aproveitar essa vitrine que o Flamengo é, não só no Brasil, como na América”, acrescentou o recém-chegado. Com poucos dias na Cidade Maravilhosa, o novo jogador do Flamengo disse que aproveitará as próxi-

Chegou: Trauco é uma das apostas do Flamengo para garantir um caneco em 2017 mas semanas para aprender o idioma local. “Tenho poucos dias no Rio, estou vindo do hotel para o CT, então não vi muita coisa, acho que vão me ajudar e pretendo ter aulas para aprender português”, disse. Mesmo sem falar português, o canhoto já avisou à torcida flamenguista que também veio para levar o torcedor ao delírio. “A torcida pode esperar sacrifício, trabalho, minha característica é ofensiva, gosto de atacar e participar das jogadas de gol”, prometeu. Durante a coletiva, o gerente de futebol do Flamengo, Rodrigo Caetano, acompanhou as respostas da nova aquisição do clube, e explicou como funcionou a negociação do jogador.

“Entramos na negociação para trazê-lo em fim de contrato. Ele tinha propostas com potencial financeiro maior, mas ele quis vir para o Flamengo. O Zé Ricardo falou com o Gareca, também falamos com o Paolo (Guerrero), tiramos informações e todas positivas, na questão técnica, comportamental e na própria negociação”, ressaltou.

Preparação física A pré-temporada 2017 começou no recém-inaugurado módulo profissional do Centro de Treinamento George Helal, em Vargem Grande. Aliadas aos testes comandados pelos preparadores físicos, tanto no Centro de Excelência em Performance quanto no grama-

do, uma série de exames foi realizada para avaliar o estado clínico e fisiológico do elenco neste retorno às atividades. Foram realizados exames de sangue, de urina e de percentual de gordura de cada atleta. A finalidade é adaptar, de maneira individual, tendo em vista as especificidades clínicas e fisiológicas dos integrantes do elenco. Os cuidados vão desde a alimentação até o tipo de exercício que devem ser feitos durante as primeiras atividades da temporada. O doutor Serafim Borges, integrante do Departamento Médico rubro-negro, comentou sobre a importância dessas análises neste período de retorno do elenco após o período de férias.

“Os exames laboratoriais fazem parte das avaliações clínico-cardiológicas dos atletas para a pré-participação plena dos mesmos neste ano de 2017. São exames de rotina, realizados anualmente, que complementam as avaliações cardiológicas e ortopédicas, dentre outras que ocorrem durante toda a temporada”, explicou. Mesmo com uma rotina de trabalho definida e seguida regularmente durante o período de recesso, a temporada exige um tipo diferenciado de preparação. O fisiologista Felipe Olive comentou sobre a adaptação que é feita após a análise dos percentuais de gordura dos jogadores. “Eles estão se reapresentando agora após o período de um mês em casa. Alguns fize-

ram um pouco mais de atividades, outros um pouco menos. Tem as festas de final de ano, cuja alimentação é diferente. Eles saem um pouco da rotina e é até normal que isso aconteça”, explicou o fisiologista. Em seguida, Felipe falou especificamente sobre o processo de medição desses percentuais. “Essa medida de bioimpendância, que fazemos com o aparelho InBody, seria o estágio inicial. A partir desse momento, vemos quem está acima, e então ajustamos a alimentação junto ao nutricionista e os trabalhos em campo. Em seguida, fazemos o acompanhamento periódico o ano inteiro, onde os atletas são avaliados e controlados nesse sentido”, completou.

No Botafogo, Roger Top 10 inalterado em primeira atualização é apresentado oficialmente RANKING FIFA

Divulgação

Zurique, Suíça

O ano começou sem mudanças no ranking de seleções da Fifa, principal entidade do futebol mundial. Com apenas 12 partidas contabilizadas, sendo três delas ainda de 2016, o top 10 masculino se manteve inalterado, com a Argentina na primeira colocação e Brasil e Alemanha logo na sequência. Completando a lista dos dez primeiros, aparecem Chile (4º), Bélgica (5º), Colômbia (6º), França (7º), Portugal (8º), Uruguai (9º) e Espanha (10º). Apesar da estabilidade no topo, duas novas equipes conseguiram se colocar entre as 50 melhores seleções do ranking. Foi o caso da Arábia Saudita, que subiu da 54ª para a 48ª colocação, e da Nigéria, agora 50ª do ranking após subir um posto. As duas equipes en-

Rio

Sobe: Brasil tem ano para retomar primeira posição de destaque no ranking traram no lugar da Albânia (antes 49ª, agora 51ª) e de Burkina Faso (antes 50ª, agora 53ª).

Quem também se beneficiou da atualização foi a pequena seleção da Suazilândia. O país vizinho da Áfri-

ca do Sul foi da 100ª para a 99ª colocação e chegou a seu melhor posicionamento do ranking da Fifa.

Tigres e Cabofriense ficam no empate Xerém Em jogo adiado por conta da chuva que caiu em Xerém nesta quarta-feira, Tigres e Cabofriense ficaram no empate por 2 a 2, na manhã desta quinta-feira, em Los Larios. Os donos da casa chegaram a abrir vantagem, mas sofreram a igualdade da equipe

da Região dos Lagos na parte final da partida. Após um primeiro tempo sem gols, o Tigres voltou melhor para a etapa final e marcou duas vezes, com Nubio e Claudinho. No entanto, Pedro e Max marcaram para a Cabofriense e deram números finais a partida. Com o resultado, Tigres

e Cabofriense terminam a primeira rodada na liderança da Primeira Fase, pelos critérios de desempate. A curiosidade foi que os três jogos da estreia do Campeonato Carioca finalizaram com empate. Na próxima rodada, no próximo sábado, a Cabofriense vai receber o Campo, em Cabo Frio. Já o Tigres

duela contra o “vizinho” Nova Iguaçu, foram de casa. Das seis equipes que disputam a Primeira Fase, as duas melhores avançam para a Segunda Fase do Campeonato Carioca, onde os grandes do Estadual iniciam sua trajetória. Já os quatro times restantes vão brigar contra o rebaixamento.

O Botafogo apresentou nesta quinta-feira mais um reforço para a temporada. O atacante Roger, que chega para ser o responsável pelos gols alvinegros na temporada, espera poder repetir o bom desempenho que teve na Ponte Preta em 2016. O jogador foi o primeiro nome anunciado pelos cariocas, ainda na reta final do Campeonato Brasileiro. - Estou muito feliz com a oportunidade. É uma grande oportunidade vestir uma grande camisa, voltar ao Rio de Janeiro. É gostoso jogar aqui, é diferente. A expectativa é a melhor. Chego muito animado. Minha última temporada foi maravilhosa, a melhor da minha car reira. Jo guei muitos jogos e fiz gols. Vou f az er o meu melhor - disse. Roger fez questão de exaltar o clube. O atacante ressaltou que um dos fatores para fechar contrato com o Botafogo foi a classificação al-

vinegra para a Libertadores. - Da grandeza do clube nem precisa falar, mas sem dúvida o desejo de jogar uma Libertadores me atraiu. É uma grande chance de voltar a uma competição que todos querem jogar e vencer. Ainda mais vendo o que o Botafogo fez no segundo tur no do Brasileiro. Foi uma campanha maravilhosa. Me sinto privilegiado de fazer parte de um grupo tão bom - declarou. O atacante elogiou também a qualidade do elenco. Roger vê isto como um fator positivo, pois a disputa pelas vagas na equipe titular será acirrada e vai beneficiar jogadores e a própria equipe. - Vejo o Botafo go com um g rupo muito forte. A disputa por posição é muito válida, positiva. Todos vão treinar forte para buscar essa posição. Isso eleva o nível do grupo. Vejo uma disputa sadia. Quem está che g ando vai ter que brigar por posição - finalizou.


CULTURA GERAL

Cultura Brasileira dá entrada no CTI do SUS  Página 4

lazer@diariodovale.com.br Sul Fluminense, sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Cultura a todo vapor Enxugamento de despesas trará mais recursos para os artistas angrenses; Casa de Cultura Poeta Brasil dos Reis expõe ‘Coisas do Mar’ A Cultura deixou de ser uma fundação e passou a ser uma secretaria executiva. O objetivo é enxugar custos da antiga Cultuar e investir essa economia no fomento aos projetos culturais e apoiar os artistas. O foco é usar qualquer recurso disponível para a arte. E nesse tom encaixa a transferência da cultura para a Casa Larangeiras. - Com menos cargos e funcionários, seremos mais ágeis para atender a demanda de quem faz cultura. Mas, o mais importante é montarmos uma equipe para buscar recursos de leis de incentivos federal e estadual, além de ensinar o artista a ser um produtor para viver de arte – explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, João Carlos Rabello. A Secretaria Executiva de Cultura e Patrimônio está ligada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Um das ações já tomadas pelo secretário executivo, João Willy, foi a entrega do prédio onde funcionava a administração da extinta Fundação Cultural e se pagava mensalmente o valor de R$ 8.074 em aluguel. Hoje, com um quadro de funcionários reduzido, a secretaria está funcionando no terceiro andar da Casa Larangeiras. Embora seja um espaço cultural, Willy afirma que as atividades no local não serão interrompidas. - Voltar para a secretaria quer dizer uma economia anual de, no mínimo, um milhão e meio de reais. Hoje a secretaria cabe na Casa Larangeiras, sem interferir nas atividades do espaço. Hoje estamos sem recurso, então, a primeira tarefa aqui é ser criativo, diminuir os custos para equilibrar as contas para sobrar recursos para fazer cultura – declarou. De acordo com João Willy, nesse primeiro momento a ideia é equilibrar as finanças, mas sem tirar o poder de investimento e de ação da cultura. - Nesse momento é readequar a cultura para que a

gente possa sair dessas contas que estão sendo gastas como, por exemplo, o aluguel de imóvel. A intenção é virar essa página de não ter condições de dar apoio ao artista ou contratar e ficar devendo. Esse é o trabalho – explicou, dizendo ainda que uma secretaria tem a mesma possibilidade de conseguir verbas e ter o fundo municipal de cultura funcionando.

Subvenções Outra medida tomada pela nova gestão foi a suspensão provisória das subvenções do Coral da Cidade que recebia 450 mil por ano e do Ateneu de Letras Angrenses, que recebia a quantia de 80 mil anualmente. - O atraso de pagamento das subvenções para estas importantes instituições supera mais de um ano. Acho que o artista está vendo a atual situação. O modelo de gestão estava esgotado, superado e não funcionava. Além disso, a situação é crítica. Todos os municípios estão cortando despesas. O Fernando Jordão diminuiu 800 cargos comissionados. Acho que o artista está entendendo que nesse primeiro momento a gente vai passar por período de turbulência, de dificuldade. É difícil, mas é preciso fazer isso agora, porque se deixarmos para depois, vai ser muito mais difícil de recuperar um investimento lá na frente. Cada atividade será contemplada de uma forma diferente e vamos negociar ponto a ponto com os interessados – falou o secretário. Segundo ele, o desejo do setor artístico é um só, ver a cultura movimentar a cidade. - Sou a favor de tudo que venha para a melhoria, mesmo que sejam medidas de corte para readequação. Se o momento atual pede o replanejamento, novas formas de se pensar e fazer cultura, então, que seja agora – disse o ator Maykon Renan.

Casa de Cultura Poeta Brasil dos Reis apresenta a mostra ‘Coisas do Mar’ Fotos: Divulgação

Está aberta para visitação do público, na Casa de Cultura Poeta Brasil dos Reis, a exposição “Coisas do Mar”, das artesãs Zuleide Rodrigues e Izabele Luzia. Trata-se de uma exposição dupla com a participação de Zuleide Rodrigues, atuante na área há mais de trinta anos. As artistas têm em comum o fato de trabalharem com conchas, fibra da bananeira e material

de demolição. A exposição dá uma amostra da singularidade da produção em forma de pintura e colagem de conchas em objetos cotidianos, além da criação de novas peças que podem ser utilizadas no dia a dia. A exposição pode ser visitada até o dia 29 de janeiro, de terça a sexta-feira, das 10h às 20h; sábado, das 10h às 16h; e domingo, das 9h às 14h.

Variedade: Artistas têm em comum o fato de trabalharem com conchas, fibra da bananeira e material de demolição


CADERNO LAZER

2 DIÁRIO DO VALE 

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

CIRCUITO *** A programação dos cinemas, exposições, teatro e música são fornecidos pelos realizadores dos eventos, e pode sofrer alterações. *** Até o fechamento desta edição o Cine 9 de Abril, em Volta Redonda, não havia divulgado sua programação.

AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” ().

Divulgação

O Filho Eterno De Paulo Machline. Com Marcos Veras, Débora Falabella, Uyara Torrente. Filme nacional.

Estreia

Assassin’s Creed De Justin Kurzel. Com Michael Fassbender, Marion Cotillard, Jeremy Irons. Filme em 2D e 3D. AÇÃO, FICÇÃO CIENTÍFICA - Callum Lynch (Michael Fassbender) descobre que é descendente de um membro da Ordem dos Assassinos e, via memória genética, revive as aventuras do guerreiro Aguilar, seu ancestral espanhol do século XV. Dotado de novos conhecimentos e incríveis habilidades, ele volta aos dias de hoje pronto para enfrentar os Templários. Versão para as telonas do game Assassin’s Creed. Cine Show Volta Redonda – Sala 4, sessões às 14h15, 16h35 e 19h, dublado. Sessão às 21h20, legendado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Barra Mansa – Sala 1, sessão às 21h, dublado. Sala 2, sessões às 14h50 e 17h10, dublado. Telefone (24) 33231097. Cine Show Resende – Sala 1, sessões às 14h, 16h20 e 18h40, dublado. Sessão às 21h, legendado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 4, sessões às 14h10, 16h30 e 18h55, dublado. Sessão às 21h15, legendado. Telefone (24) 3367-2013. Cine Show Barra do Piraí – Sala 2, sessões às 14h50, 17h10 e 21h20, dublado. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 3, sessões às 14h30, 16h45 e 19h10, dublado. Sessão às 21h30, legendado. Telefone (24) 3355-2977. Cine Glória Valença – sessões às 19h15 e 21h35, dublado. Domingo a sessão das 21h15 será legendada. Segunda-feira, dia 16, não haverá sessão deste filme. Telefone (24) 2453-3040. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (Sem avaliação), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Eu Fico Loko De Bruno Garotti. Com Filipe Bragança, Christian Figueiredo, Giovanna Grigio. Filme nacional. COMÉDIA - Christian (Filipe Bragança) é um adolescente pouco popular na escola, que também não tem vida fácil em casa. Enquanto sofre bullying dos colegas e busca a sua própria identidade, ele se preocupa com o primeiro beijo, a primeira noite com uma garota... Christian também é um cinéfilo que grava paródias de filmes para colocar na Internet. Aos poucos, ele decide usar as redes sociais para contar as suas histórias de vida. Cine Show Resende – Sala 2, sessões às 15h50 e 21h15. Telefone (24) 33546224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 3, sessões às 14h50, 19h10 e 21h05. Telefone (24) 3367-2013. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (Sem avaliação), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Neruda De Pablo Larraín. Com Luis Gnecco, Gael García Bernal, Mercedes Morán DRAMA, BIOGRAFIA, POLICIAL - No final da década de 1940, um inspetor (Gael García Bernal) persegue o poeta chileno Pablo Neruda (Luis Gnecco), ganhador do Prêmio Nobel, por ter se juntado ao Partido Comunista. Cine Gacemss, em Volta Redonda – sessão às 19h. Telefone (24) 3343-3033.

DRAMA - O casal Roberto (Marcos Veras) e Cláudia (Débora Falabella) aguarda ansiosamente pela chegada de seu primeiro bebê. Roberto, que é escritor, vê a chegada do filho com esperança e como um ponto de partida para uma mudança completa de vida. Mas toda a áurea de alegria dos pais é transformada em incerteza e medo com a descoberta de que Fabrício, o bebê, é portador da Síndrome de Down. A insatisfação e a vergonha tomam conta do pai, que terá de enfrentar muitos desafios para encontrar o verdadeiro significado da paternidade. Cine Gacemss, em Volta Redonda – sessão às 21h. Telefone (24) 3343-3033. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” ().

Continuação

Dominação De Brad Peyton. Com Aaron Eckhart, Carice Van Houten, John Pirruccello. TERROR, SUSPENSE - Um exorcista não convencional, que é capaz de entrar no subconsciente de uma mente possuída, conhece uma outra pessoa com a mesma capacidade enquanto confronta seu próximo caso, um garoto de nove anos de idade que está possuído por um demônio do seu passado. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 1, sessão às 19h, dublado. Telefone (24) 3355-2977. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (Sem avaliação), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Invasão Zumbi De Sang-Ho Yeon. Com Gong Yoo, Yumi Jung, Dong-seok Ma. AÇÃO, TERROR, SUSPENSE - Em um trem de alta velocidade com destino à cidade de Busan, um vírus que transforma as pessoas em zumbis, se espalha. A cidade conseguiu com sucesso se defender da epidemia, mas agora eles devem lutar pelas suas sobrevivências. Cine Show Angra dos Reis – Sala 3, sessão às 16h50, dublado. Telefone (24) 3367-2013. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 1, sessão às 16h40, dublado. Telefone (24) 3355-2977. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” ().

Minha Mãe é uma Peça 2 De César Rodrigues. Com Paulo Gustavo, Rodrigo Pandolfo, Mariana Xavier. Filme nacional. COMÉDIA - Dona Hermínia (Paulo Gustavo) está de volta, desta vez rica, pois passou a apresentar um bem-sucedido programa de TV. Porém, a personagem superprotetora vai ter que lidar com o ninho vazio, afinal Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Marcelina (Mariana Xavier) resolvem criar asas e sair de casa. Para balancear, Garib (Bruno Bebianno), o primogênito, chega com o neto. E ela também vai receber uma longa visitinha da irmã Lucia Helena (Patricya Travassos), a ovelha negra da família, que mora há anos em Nova York. Cine Show Volta Redonda – Sala 2, sessões às 14h, 15h50, 17h45, 19h45 e 21h30. Sala 3, sessões às 17h30, 19h30 e 21h20. Telefone (24) 33425604. Cine Show Barra Mansa – Sala 2, sessões às 19h30 e 21h15. Telefone (24) 3323-1097. Cine Show Resende – Sala 2, sessões às 17h45 e 19h30. Telefone (24)

Comédia nacional Filme ‘Eu Fico Loko’, com Christian Figueiredo, pode ser conferido em Resende e Angra dos Reis Na história, Christian (Filipe Bragança) é um adolescente pouco popular na escola, que também não tem vida fácil em casa. Enquanto sofre bullying dos colegas e busca a sua própria identidade, ele se preocupa com o primeiro beijo, a primeira noite com uma garota... Christian também é um cinéfilo que grava paródias de filmes para colocar na Internet. Aos poucos, ele decide usar as redes sociais para contar as suas histórias de vida.

3354-6224. Cine Show Agulhas Negras, em Resende – Sala 1, sessões às 15h30, 17h15, 19h15 e 21h05. Telefone (24) 33546224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 2, sessões às 14h, 15h50, 17h45, 19h45 e 21h30. Telefone (24) 3367-2013. Cine Show Barra do Piraí – Sala 1, sessão às 21h10. Sala 2, sessão às 19h30. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 2, sessões às 17h20, 19h15 e 21h10. Telefone (24) 3355-2977. Cine Glória Valença – sessões às 19h30 e 21h30. Terça-feira, dia 17, não haverá sessão deste filme. Telefone (24) 2453-3040. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” ( e meia), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” ().

Moana - Um Mar de Aventuras De John Musker, Ron Clements. Com Auli’i Cravalho, Dwayne Johnson, Alan Tudyk. Filme 2D e 3D. ANIMAÇÃO, FAMÍLIA, AVENTURA - Moana Waialiki é uma corajosa jovem, filha do chefe de uma tribo na Oceania, vinda de uma longa linhagem de navegadores. Querendo descobrir mais sobre seu passado e ajudar a família, ela resolve partir em busca de seus ancestrais, habitantes de uma ilha mítica que ninguém sabe onde é. Acompanhada pelo lendário semideus Maui, Moana começa sua jornada em mar aberto, onde enfrenta terríveis criaturas marinhas e descobre histórias do submundo. Cine Show Volta Redonda – Sala 1, sessões às 14h, 16h20, 18h45 e 21h05, dublado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Barra Mansa – Sala 1, sessões às 14h, 16h20 e 18h40, dublado. Telefone (24) 3323-1097. Cine Show Agulhas Negras, em Resende – Sala 2, sessões às 16h20, 18h40 e 21h,

dublado. Telefone (24) 3354-6224. Cine Show Angra dos Reis – Sala 1, sessões às 14h, 16h15, 18h40 e 21h, dublado. Telefone (24) 3367-2013. Cine Show Barra do Piraí – Sala 1, sessões às 14h10, 16h30 e 18h50, dublado. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 1, sessão às 21h, dublado. Sala 4, sessões às 14h10, 16h30 e 18h50, dublado. Telefone (24) 3355-2977. Cine Glória Valença – sessão às 17h, dublado. Segunda-feira, dia 16, não haverá sessão deste filme. Telefone (24) 2453-3040. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” ( e meia), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

Passageiros De Morten Tyldum. Com Jennifer Lawrence, Chris Pratt, Michael Sheen. Filme 3D. FICÇÃO CIENTÍFICA, ROMANCE, AÇÃO - Durante uma viagem de rotina no espaço, dois passageiros são despertados 90 anos antes do tempo programado, por causa de um mal funcionamento de suas cabines. Sozinhos, Jim (Chris Pratt) e Aurora (Jennifer Lawrence) começam a estreitar o seu relacionamento. Entretanto, a paz é ameaçada quando eles descobrem que a nave está correndo um sério risco e que eles são os únicos capazes de salvar os mais de cinco mil colegas em sono profundo. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 1, sessão às 14h20, dublado. Sala 4, sessão às 21h15, dublado. Telefone (24) 3355-2977. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (Sem avaliação), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

HOJE NA TV  05:00 06:00 07:30 08:50 10:09 10:49 12:00 12:47 13:20 13:59 15:13 16:53 17:49 18:22 19:09 19:29 20:30 21:15 22:16 23:00 23:48 00:24 01:10 02:47 04:18

Band  06:00 06:30 07:30 08:00 09:10 10:10 11:00 12:30 14:00 15:00 16:00 18:50 19:20 20:25 21:10 22:00 23:10 00:10 00:45 01:30 01:35 02:20 03:00

TV RIO SUL Hora Um Bom Dia RJ Bom Dia Brasil Mais Você Bem Estar Encontro com Fátima Bernardes RJTV - 1ª Edição Globo Esporte Jornal Hoje Vídeo Show Sessão da Tarde - As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian Vale a Pena Ver de Novo Cheias de Charme Malhação: Pro Dia Nascer Feliz Sol Nascente RJTV - 2ª Edição Rock Story Jornal Nacional A Lei do Amor Dois Irmãos Raízes Jornal da Globo Flash Corujão Corujão – A Novela Das 08 Corujão – Intermediário.com

BAND Gerando Vencedores Jornal Bandnews Posso Crer no Amanhã Café com Jornal – Edição Brasil Dia Dia Os Simpsons Jogo Aberto Os Donos da Bola Multirio Game Phone Brasil Urgente Jornal do Rio Jornal da Band Ezel Show da Fé Os Simpsons O Mundo Segundo os Brasileiros Bate & Volta Jornal da Noite Que Fim Levou? Os Simpsons Elementar Igreja Universal

 06:00 07:00 07:30 08:00 08:30 10:30 11:45 12:50 13:15 14:45 15:45 16:45 17:30 18:30 19:20 19:45 20:30 21:30 22:00 23:15 01:00 02:00

SBT SBT Notícias SBT Rio Manhã SBT Notícias Fofocando Mundo Disney Bom Dia & Cia SBT Rio SBT Esporte Rio Clube do Chaves Casos de Família A Usurpadora Querida Inimiga Lágrimas de Amor A Gata SBT Cidade SBT Brasil Carinha de Anjo Chiquititas Programa do Ratinho Tela de Sucessos House Party: A Noite é uma Criança The Noite Com Danilo Gentili SBT Notícias

Record  RECORD 06:30 07:28 08:55 10:00 12:00

Balanço Geral Manhã RJ No Ar Fala Brasil Hoje em Dia Balanço Geral RJ

Sing - Quem Canta Seus Males Espanta De Garth Jennings. Com Mariana Ximenes, Wanessa Camargo, Fiuk. Filme em 3D e 2D. ANIMAÇÃO, COMÉDIA, FAMÍLIA - Um empolgado coala chamado Buster decide criar uma competição de canto para aumentar os rendimentos de seu antigo teatro. A disputa movimenta o mundo animal e promove a revelação de diversos talentos da cidade, todos de olho nos 15 minutos de fama e US$ 100 mil dólares de prêmio. Cine Show Volta Redonda – Sala 3, sessão às 15h10, dublado. Telefone (24) 3342-5604. Cine Show Agulhas Negras, em Resende – Sala 2, sessão às 14h, dublado. Telefone (24) 3354-6224. Cine A, Shopping PátioMix Resende – Sala 2, sessão às 15h, dublado. Telefone (24) 3355-2977. Cine Glória Valença – sessão às 17h10, dublado. Terça-feira, dia 17, não haverá sessão deste filme. Telefone (24) 2453-3040. AVALIAÇÃO: “AdoroCinema” (), “Cinema com rapadura” (Sem avaliação), “Cinemascope” (Sem avaliação), “O Globo” (Sem avaliação), “Omelete” (), “Rubens Ewald” (Sem avaliação), “Veja” (Sem avaliação).

* ‘Coisas do Mar’ – A exposição das artesãs Zuleide Rodrigues e Izabele Luzia, com a participação de Zuleide Rodrigues, pode ser conferida na Casa de Cultura Poeta Brasil dos Reis, em Angra dos Reis. As artistas têm em comum o fato de trabalharem com conchas, fibra da bananeira e material de demolição. A mostra pode ser visitada até o dia 29 de janeiro, de terça a sexta-feira, das 10h às 20h; sábado, das 10h às 16h; e domingo, das 9h às 14h.

* ‘Meu Coração é Mantiqueira’ - O Centro Cultural Visconde de Mauá e a Pro-Fundação-Mantiqueira apresentam a coletiva de bordados e aquarelas de Nivea Leite. Os trabalhos podem ser conferidos no Centro Cultural Visconde de Mauá aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h, até dia 12 de março de 2017. O local abre também durante a semana para as visitas guiadas escolares, previamente agendadas. Mais informações pelo e-mail (maua.centrocultural@gmail.com). * ‘Projeto Mulheres Incríveis’ – O trabalho da fotógrafa Fabiola Ito pode ser conferido até dia 31 de janeiro no Centro de Cultura Fazenda da Posse, Rua Dário Aragão, nº 2, Centro, em Barra Mansa. Mais informações pelo telefone (24) 3322-3855. * ‘História de São João Marcos’ A Casa da Cultura Manoel Gonçalves de Souza Portugal apresenta a mostra permanente, que reúne fotos e relatos de antigos moradores sobre a primeira cidade tombada pelo Patrimônio Histórico Nacional, em 1939. Pode ser vista na Sala José Joaquim de Moraes Penna (Praça Fagundes Varela, Centro, Rio Claro), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. * ‘Retratos do Jongo’ – A exposição dos fotógrafos Carlos Augusto e Carla Godinho, pode ser conferida no Ponto de Cultura do Jongo de Pinheiral, na Rua Bulhões de Carvalhos, nº 146, Centro. As visitas devem ser agendadas pelo e-mail (creasfjongopinheiral@ig.com.br). Mais informações pelo telefone (24) 97401-9776.

HORÓSCOPO 14:45 15:45 16:30 18:00 19:30 20:40 21:40 22:45 23:30 01:15 02:00

Amor e Intrigas Vidas em Jogo Cidade Alerta Cidade Alerta Rio Escrava Isaura A Terra Prometida Jornal da Record Sem Volta Super Tela Fala Que Eu Te Escuto Programação IURD

RedeTV!  REDE TV! 05:00 08:30 09:00 09:30 12:00 15:00 17:00 18:00 18:05 19:15 20:30 21:50 22:45 00:00 00:30 01:30 03:00

Igreja Internacional da Graça de Deus AmericaShop Tá Sabendo? Melhor Pra Você Igreja Universal do Reino de Deus A Tarde é Sua Igreja Universal do Reino de Deus Te Peguei Master Game RedeTV News Igreja Internacional da Graça de Deus TV Fama Mariana Godoy Entrevista Leitura Dinâmica Programa Amaury Jr Igreja Universal do Reino de Deus Igreja da Graça no Seu Lar

**Programação fornecida pelas emissoras, sujeita a alterações.

Áries - (21-3 a 204) Agora você terá maiores chances de lucrar inesperadamente através de jogos, sorteios e da loteria. Felicidade amorosa, conjugal e familiar. Não permita que pessoas do seu relacionamento, interfiram na sua vida pessoal. Touro - (21-4 a 205) Os planos para o futuro deverão causar certas mudanças no seu estado emocional, ou não poderão renovar suas esperanças de uma vida melhor. E’ necessário dispor-se às mudanças. A organização no trabalho estará favorecida, assim como os relacionamentos.

prática brevemente. Procure conter os seus gastos. Leão - (23-7 a 22-8) Raciocínio rápido, excelente intuição e mente voltada somente para o bem, é o que lhe pressagia o fluxo astral de hoje. Contudo, evite excesso de velocidade ao dirigir e seja mais constante em seus projetos. Virgem - (23-8 a 22-9) Não assuma compromissos ou responsabilidade sem antes estudar suas reais condições. Mais energia, otimismo e determinação lhe são recomendados, principalmente se existir algo que esteja atrapalhando os seus planos profissionais.

Gêmeos - (21-5 a 20-6) Dia em que poderá entrar em choque com pessoas amigas e conhecidos. Evite-as. Por outro lado, o sucesso profissional e amoroso será evidente, bem como as chances de elevar-se socialmente. As questões financeiras estão oscilando.

Libra - (23-9 a 22-10) Bom fluxo astral para novas empresas e empreendimentos, mas um tanto quanto negativo para novas amizades e para entrar com recursos na justiça. Procure, também, compreender melhor os familiares e a pessoa amada.

Câncer - (21-6 a 22-7) Não é um dia totalmente favorável para tratar de assuntos relacionados com dinheiro, mas muito bom para entabular negócios e obter novos conhecimentos profissionais, para serem postos em

Escorpião - (23-10 a 2111) Diminuirão os problemas na vida cotidiana, nos meios de transporte e nos estudos, graças a atitudes mais firmes no que toca a esses assuntos. Estímulo positivo para a vida social, e à participação comunitária.

CADERNO

Lazer&Cia lazer@diariodovale.com.br

Sagitário - (22-11 a 21-12) Muita atividade junto aos amigos, mas tendência a se envolver em alguns atritos com eles. Novas oportunidades na carreira profissional através de um empreendimento pessoal ou de uma promoção no trabalho. Capricórnio - (2212 a 20-1) Conte consigo mesmo em tudo que realizar hoje. Os outros irão notar sua tenacidade e persistência podendo lhe tributar o dobro de crédito. No amor, haja com sinceridade. A saúde está favorecida. Aquário - (21-1 a 19-2) Evite se aborrecer por pequenas coisas. Dia favorecido no progresso artístico, na popularidade, na melhoria financeira e cultural. Mantenha a serenidade e se possível, procure isolarse para reabastecer suas energias. Peixes - (20-2 a 203) Procure a felicidade no terreno espiritual e tudo será mais fácil. Os obstáculos tendem a desaparecer diante do período propício que se inicia agora. O momento é muito feliz com relação aos seus sentimentos com pessoas do sexo oposto.

EXPEDIENTE Editado pela Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. CNPJ 07.506.590/0001-78 Avenida Nossa Senhora do Amparo, nº 160, loja 1 - Niterói Volta Redonda - RJ - Cep 27283-370 - Tel: (24) 3348-1643 - 3347-3182


Mário Sérgio

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

CADERNO LAZER

DIÁRIO DO VALE 3 

Falta

1

dia para o Dancing Days

www.diariodovale.com.br/noticias/mario-sergio mariosergio@diariodovale.com.br

Fotos: Divulgação

TÚNEL *Primeira aparição do Mickey Mouse em banda desenhada (1930). *Criação do Museu Nacional de Belas Artes no Rio de Janeiro (1937). *Gandhi inicia um jejum em protesto contra as violênicas cometidas por indiano e paquistaneses

DO

(1948). *A produtora Capitol Records lança nos Estados Unidos um compacto (single) com “I Want to Hold Your Hand” e “I Saw Her Standing There” do grupo britânico “The Beatles” (1964). *Henrique Costa Me-

TEMPO

cking, o “Mequinho”, torna-se o primeiro brasileiro Grande Mestre de xadrez (1972). *A ACM processa o Village People por difamação por causa da música YMCA (1979). *Os Xutos e Pontapés (na altura Xutos & Ponta-

pés Rock and Roll Band) estreiam-se ao vivo, numa sala dos Alunos de Apolo, em Lisboa, num evento em que se celebravam os 25 anos do rock (1979). *Naufrágio do navio transatlântico Costa Concordia (2012).

Zig-Zag *Hoje: Dia Internacional do Leonismo. *A coluna parabeniza hoje, a todos os Lions Clubes existentes ao redor do mundo. *E especialmente aos Lions Clubs de Volta Redonda e de nossa região, pelo belo

Os empresários Luciano Inácio com sua amada, Marilene Dias Inácio (aniversariante do dia)

Sala Vip

O ‘hair stylist’ Fábio Bittencourt com sua cliente e amiga, a advogada Marise Baptista Fiorenzano Henrich

O decorador e paisagista Carlos Costa entre Karen Magalhães e Flávia Toniolo Rodrigues, irradiando alegria na pista do Dancing Days

onde se apresentam com frequência a banda é atração também nas cidades de Piquete, Cruzeiro, Lorena, Cachoeira Paulista, Guaratinguetá, Pindamonhangaba, Taubaté, Tremembé, São José dos Campos, Jacareí, Passa Quatro, Três Rios, Pa-

raíba do Sul, Areal, Levi Gasparian, Barra do Pirái, Quatis, Barra Mansa, Santos Dumont. Barbacena, Belo Vale, São João Del Rey, Angra dos Reis, Grande Rio, Poços de Caldas e outras tantas cidades.

Pelo Sim, Pelo Não *Aos supersticiosos de plantão: Lembrando que hoje é Sexta-Feira 13. *Muita gente fará um verdadeiro ritual, que já começa antes de sair da cama: Fazer o Sinal da Cruz e evitar pisar com o

A empresária de Portugal, Cidália Marques entre as médicas oftalmologistas, Ana Elisa Coimbra e Elba Ferrão, no Boteco Original

e importante trabalho, desenvolvidos em prol das comunidades nos seus mais diferentes setores. *A Banda Clave de Sol, leia-se Dário e Adriana Máxima, vem cada vez mais, fazendo sucesso. *Além de Juiz de Fora,

*A empresária Marilene Dias Inácio, despertando hoje com sua mais nova idade. *Ganha os primeiros abraços e beijos, de seu amado, o empresário Luciano Inácio e dos filhos, Priscilla e Felipe. Depois a continuidade de inúmeras homenagens. *Outros queridos aniversariantes do dia: Rodrigo Harthman; Felippe Koz; Simone Carvalho; Edmar Vital; Aline Almeida; Mateus Liebstein; Renata Castro Alves Fernaine; Joice Izidio; Elizabethy Costa; Larissa Bastos; Mat Sandrez; Bete Silva; Felippe Koz; Fer nanda Fernandes de Oliveira. *Será amanhã que estarei promovendo na Danceteria do Casarão, o primeiro Dancing Days do ano. *O DJ Júnior estará fazendo o ‘frisson’ musical tocando os melhores ‘hits’ dos Anos 70, 80 e 90. *Os convites antecipados podem ser adquiridos - na Stileto (Rua 16 – 61 – Vila Santa Cecília) em frente a Padaria Central. *A oftalmologista Elba Ferrão, esteve anteontem, no Rio de Janeiro para atendimento da clientela carioca. *Ela aproveitou para rever a amiga Cidália Marques. *O prazeroso encontro foi no Boteco Original, na Barra. *Em meio a deliciosos petiscos, acompanhados de drinks e cerveja gelada. *Elba estava acompanhada da também oftalmologista Ana Elisa Coimbra. *Aliás, a empresária Cidália Campos amanhece hoje em Lisboa, depois de duas semanas, aproveitadíssimos em solo brasileiro, a saber: Rio de Janeiro, Angra dos Reis e Búzios.

pé esquerdo, neste tempos de infor matização, usar mais a mão direita. *Depois outros cuidados, como não passar debaixo de escadas que sempre se encontram, nas calçadas. *Existe os que, para se

precaver de mau agouro, tomam banho de descarrego e até mesmo os que, colocam um ramo de arruda no “pé da orelha”, ou usam amuletos e patuás. *Enfim... Irão bater na madeira e invocar: pé de

pato, mangalô três vezes. Todo cuidado é pouco. *Em situação contrária, também é grande o número de pessoas que fazem fé e acreditam nos bons fluídos que traz o número treze. Boa $orte!!!.


CADERNO LAZER

4 DIÁRIO DO VALE 

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017

O Brasil, voltando para trás no tempo Depois da dengue e da zika, agora temos mortes por febre amarela; hoje vivemos a realidade de estados falidos Arquivo

O Brasil sempre me surpreende com sua capacidade de andar para trás que nem caranguejo. A última novidade nesta terra de palmeiras e sabiás é o surto de febre amarela em Minas Gerais. Até agora já mor reram 14 pessoas com essa doença, que pode ser transmitida por vários tipos de mosquito, incluindo o nosso conhecido Aedes aegypti. Os casos aconteceram no leste de Minas Gerais, o que é muito perto da nossa re gião. Felizmente existe a vacina, que imuniza por dez anos, mas se houver uma epidemia os estoques podem não darem conta. É triste perceber que de nada valeram os esforços de sanitaristas como Oswaldo Cruz, que lutaram para erradicar a malária e a febre amarela no século passado. Depois de treze anos de governos petistas, e de seus antigos aliados do PMDB, estamos de volta à insalubridade do século XIX. Quando os navios estrangeiros evitavam ancorar no Rio de Janeiro por temor das doenças tropicais. É claro que não é culpa só dos nossos governantes. O povo brasileiro, com sua notória falta de educação, é um dos maiores aliados dos mosquitos. No ano passado fiz um Espaço Aberto falando da quantidade de lixo e recipientes

plásticos que as pessoas jogam nas ruas e nos terrenos baldios. As professoras das escolas municipais ainda não conseguiram convencer seus alunos de que lugar de lixo é na cestinha. É só caminhar pelas ruas, perto das escolas, para contar os copinhos plásticos e garrafinhas de refrigerantes que a garotada atira na linha do trem ou nos terrenos em volta. O povo ignora e ninguém faz um mutirão para limpar as cidades e tirar o lixo dos terrenos baldios. Estamos na época das chuvas e esse calor infernal, que anda fazendo, favorece a proliferação dos mosquitos. Já tivemos epidemias de dengue, febre chikungunya e zika. Vem aí a epidemia de febre amarela. Uma doença perigosa, que ataca o fígado e pode provocar a morte por insuficiência hepática.

Mosquito: A nova ameaça é a febre amarela

No passado Quando eu era criança, aí por volta da década de 1960, os professores ensinavam que o Brasil ia ser “o país do futuro”. Um país rico e poderoso, exportando alimentos e bens de consumo para o mundo inteiro. Naquela época o presidente Juscelino Kubitschek tinha acabado de inaugurar Brasília, o protótipo da cidade do futuro, capital do país do futuro.

Infelizmente, o sonho do progresso e da prosperidade acabou ficando ali mesmo. Os militares tomaram o poder em 1964, com o apoio de boa parte da população, e decretaram que o futuro era agora. Começaram a abrir uma estrada no meio da Amazônia e a investir em outras obras gigantescas, como a ferrovia do aço. E o resultado foi um país falido e endivi-

dado, com uma inflação de três dígitos. Aí veio a democracia e a Nova República. Com gover nos de esquerda que tinham a mesma mania de grandeza dos seus antecessores fardados. Lula queria construir um trem bala, ligando o Rio de Janeiro a São Paulo, para acabar com o problema dos aeroportos superlotados. O projeto, feito sem nenhum estudo de

viabilidade, acabou não saindo do papel. Depois teve a descoberta do óleo no pré-sal. E o governo de esquerda acenou com o sonho de uma Arábia Saudita fluminense. Viveríamos em um mar de prosperidade, nadando nos royalties do petróleo que nem o Tio Patinhas nadava no dinheiro da sua caixa forte. Os prefeitos da nossa região discutiam quem ia

ficar com a parte do leão. Foi outra ilusão. Hoje vivemos a realidade de estados falidos, municípios decretando estado de calamidade e o sistema público de saúde em ruínas. Ótimo para os mosquitos e outras pragas que têm condições perfeitas para se espalharem. Prometeram um futuro de sonho, mas o sonho acabou. Bem vindos ao pesadelo.

Cultura Brasileira dá entrada no CTI do SUS Estrear uma coluna é sempre uma imensa responsabilidade e sendo em um jornal como o DIÁRIO DO VALE, que tem milhares de leitores por todo o Sul Fluminense e até fora dele, a responsabilidade ganha um peso extra. Produzir Cultura no dia a dia faz parte do meu universo profissional há 34 anos. Vivo da arte e para a arte como escritor e editor, além de produtor de inúmeros eventos pelos quatro cantos do Brasil. Ao longo da minha estrada sempre vi a Cultura como elemento agregador, primordial para o crescimento intelectual do nosso povo, para que ele tenha a real possibilidade de conhecer o seu passado, e com isso possa entender melhor as transformações que servirão para escrever o futuro. O Brasil é indiscutivelmente pelas suas dimensões um país rico culturalmente, mas são poucos, raros os gover nos que entendem essa máxi-

ma, a necessidade do povo ter este contato com a Cultura em todas as suas manifestações, certamente por achar supérfluo o que ela carrega, acreditando muitas vezes que tudo é muito etéreo e sem a menor objetividade. Tolices reais oriundas de um despreparo que estão espalhados pelos 27 Estados brasileiros. Haja vista que na era Collor a Cultura foi tratada quase como algo maldito, ficamos sem o Ministério da Cultura, transformado em secretaria e amargamos o fim da Embrafilme. Exemplos negativos não faltam, como a expulsão dos índios do seu “habitat” no Maracanã, no Rio, do museu onde abrigava parte da sua história. Hoje o prédio próximo ao estádio é só abandono, um criadouro de gatos de rua. O Palácio Gustavo Capanema no centro do Rio, antigo espaço que abrigou o Ministério da Educação e Cultura, cuja fachada con-

templa os azulejos pinta- a regra, grutas e caverdos por Portinari, com sua nas padecem, é triste ver arquitetura modernista e o estado crítico da Lapa jardins de Burle Marx, Vermelha, em Pedro Leotambém está entregue a poldo, na Região Metropolitana de Belo Horiprópria sorte. O Brasil é um celeiro zonte. Destacado como cultural do descaso, como Monumento Natural, por exemplo, no centro do este local onde foi enconRecife encontramos o que trada Luzia, o esqueleto sobrou da casa onde mo- humano mais antigo das A m é r i c a s, rou a escriestá em tora Clarice processo L i s p e c t o r, Na capital do país o erosivo, em caindo aos completo pedaços, corMuseu de Arte de rendo sério Brasília é a radiografia abandono. São Paurisco de dedo abandono por lo, faz feio saparecer. nesse quesiA casa dentro e por fora to somando que foi mocentenas de radia do poeta Castro Alves, au- locais abandonados, só de tor de Navio Ne g reiro monumentos foram contae n t r e o u t r a s o b r a s, é bilizados cerca de 400 neoutro reflexo da falta de cessitando de urgente entendimento do que é conservação, alguns sem Cultura. O imóvel do sé- a menor condição de reculo XVII e que faz par- cuperação devido ao temte do Parque Solar Boa po em que estão largados, Vista em Salvador, pare- aguardando uma verba ce ter seus dias conta- que os salve. Na capital do país o dos para chegar ao fim Museu de Arte de Brasília e desabar de vez. Minas Gerais não foge é a radiografia do abando-

no por dentro e por fora. Ainda em Brasília, o Teatro Nacional Cláudio Santoro, inaugurado em 1979, não recebe espetáculos desde 2014. Há dois anos, o espaço virou palco de dependentes químicos e mendigos. Esse mapa cresce em estado vertiginoso, pois com a falta de verba para tudo e os cortes que não param de ocorrer por todo o país, a tendência é a de vermos ruir o pouco que ainda está de pé. Falando e tocando na nossa realidade, acredito que cidades como Barra Mansa, Volta Redonda, Resende, Angra dos Reis, Paraty, Barra do Piraí, Valença, Vassouras e Piraí, entre outras, possam ser exceção a regra, tendo um olhar cuidadoso para com este assunto. Em muitas dessas cidades conheço os novos gestores que acabaram de assumir as pastas de Cultura e mesmo com o cinto no último furo, o amor a causa e o talento

que carregam, será capaz de produzir efeitos milagrosos. Há quem diga que Cultura não enche barriga, não trás nada de valor para a saúde, não dá lucro e muito menos voto, não resolve os problemas básicos do povo. Mais que mito, isso é pura ignorância, a Europa já provou todos os benefícios trazidos por ela. Cultura é uma necessidade básica de qualquer ser humano, porque somos essencialmente culturais. Nascemos, vivemos e morremos imersos em uma determinada cultura, com seus modos de vida, língua, rituais, instituições, conhecimento e valores próprios. Assim, enxergamos o mundo a partir da nossa própria Cultura. Por isso e pelo muito que ficou por ser falado nesse espaço, acredito que a Cultura deva ser verdadeiramente democratizada e dada ao povo em dose generosas, sem rótulos e nada comerciais.

8261 diario do vale sexta feira 13 01 2017  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you