Page 1

P r é m i o Ta l e n t o 2 0 0 9 Correio de Venezuela

@correiodvzla

@correiodvzla

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

publicaÇão Nº 628

Ano 15 • Depósito Legal: 199901DF222 • BsF. 20

Consulados apelam ao recenseamento para as Presidenciais

VENEZUELA

Os consulados gerais de Portugal em Caracas, Distrito Capital e Valência, Estado Carabobo, emitiram comunicados a incentivar a comunidade luso-venezuelana para o recenseamento eleitoral, a fim de poder participar e cumprir com o seu dever nas próximas eleições presidenciais em terras ibéricas.

Pag. 3

Comunidade celebra São Martinho

Como era de esperar, num país com muitos emigrantes lusitanos como é o caso da Venezuela, algumas organizações estão a planear festividades em honra de São Martinho.

Pag. 8

CULTURA

Quatro grupos lusos no Festival de Danças Internacionais

A portugalidade estará representada na XXXVI Edição do Festival de Danças Folclóricas Internacionais graças à actuação de quatro grupos representativos de diferentes regiões lusas: Centro Português; Saudades; Centro Social Madeirense; e Centro Marítimo da Venezuela.

Passos Coelho propôs executivo com 16 ministros

A proposta de composição do XX Governo Constitucional apresentada, a 27 de Outubro, pelo primeiro-ministro indigitado, Pedro Passos Coelho, é composta por um vice-primeiro-ministro mais quinze ministros, dos quais oito são novos, e inclui no total quatro mulheres. Pag. 10

pub

Pag. 22

DESPORTO

CSM promove intercâmbios desportivos

No quadro da celebração dos 37 anos do Centro Social Madeirense de Valência, a Comissão de Desporto, com o apoio da Feceporven, convocaram a realização de quadrangulares amistosos com a finalidade de promover o reencontro entre velhas amizades. Pag. 30


2 Editorial

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

retrospectiva Os Consulados Gerais de Portugal na Venezuela emitiram recentemente vários comunicados incentivando a comunidade portuguesa a participar no recenseamento eleitoral, de modo a poder exercer o direito de voto nas próximas eleições presidenciais lusas. É sabido que a abstenção na diáspora lusitana é considerável, pois muitos sentem-se excluídos da toma de decisão em

dois

1

Portugal ou apenas tidos em conta quando o país precisa de apoio financeiro, com as remessas. Apesar disto, desde o nosso semanário fazemos um apelo à participação para que, ao exercer o direito ao voto, possamos fazer parte da democracia e expressemos as nossas ideias sobre o presente e o futuro do país. Se queremos ser tidos em conta, não podemos ficar de braços cruzados ou sentados em casa quando estão em curso processos eleitorais que decidem.

três

A comunidade volta a mostrar a sua capacidade empreendedora que tanto a tem caracterizado durante muitos anos. É assim que vemos como muito positivo o anúncio de diferentes actividades que se levarão a cabo nos próximos dias. A primeira delas será a tomada de posse do núcleo regional da Associação Mulher Migrante Luso Venezuelana, no Estado de Mérida, no sábado, 31 de Outubro. Destaque também para as festividades de São Martinho no Centro Português, em Caracas, a 14 de Novembro, e na Sociedade de Beneficência de Damas Portuguesas, a 22 de Novembro. Seis dias depois, a Comissão organizadora da Festa do Minho realizará a sua tradicional celebração nas instalações do Salão Nobre do clube da capital. Trata-se, sem dúvida, iniciativas que nos fazem sentir orgulhosos já que demonstram uma vitalidade fundamental por parte da comunidade luso-venezuelana, que vive em sobressalto ante a insegurança que afecta a tantas pessoas no seu quotidiano.

fotoflash

A solidariedade sempre foi uma das grandes bandeiras da comunidade luso-venezuelana. Apesar da crise económica que tem afectado a carteira dos venezuelanos, os lusitanos continuam a colocar o seu grão de areia em diferentes causas sociais. Prova disso é a iniciativa do Centro Luso Venezuelano de Acarigua, no Estado de Portuguesa, que se iniciou uma campanha como centro de acolhimento em benefício das pessoas afectadas pelas chuvas nas planícies. Outra iniciativa louvável foi a quinta edição da Festa Cor de Rosa, organizada pelo Comité de Damas do Centro Português, em Caracas, e que teve por finalidade angariar fundos contra a luta contra o cancro da mama. Causa distinta, mas não menos importante foi a do Grupo de Netas do Lar Padre Joaquim Ferreira, que uma vez mais levaram entretenimento e companhia aos idosos que se encontram ali acolhidos. Demonstrações de que o sentido de pertença dos luso-venezuelanos a este país palpita hoje mais forte do que nunca.

É com grande orgulho vemos participação de quatro grupos folclóricos da nossa comunidade que levarão a bandeira da portugalidade no XXVI Festival de Danças Folclóricas Internacionais, que terá lugar no sábado, 14 de Novembro, nas instalações do clube Hermandad Gallega de Venezuela. O Grupo Folclórico Centro Português, representará a PortugalCaracas; o Rancho Folclórico Saudades da Casa Venezuelana-Portuguesa, a Portugal-Valência; o Grupo Folclórico do Centro Social Madeirense, a ilha da Madeira; e o Grupo Folclórico Internacional Luso do Centro Marítimo da Venezuela, o arquipélago dos Açores. Fazemos votos para que todos possam alcançar uma excelente prestação. Estamos convencidos de que o facto de já estarem a representar o país de origem dos nossos antepassados já os torna merecedores de um grande prémio.

Grupo Editorial

www.correiodevenezuela.com Rif.: J-40058840-5

Director Aleixo Vieira Subdirector Agostinho Silva Gerente: Carla Vieira Editor Sergio Ferreira Soares Endereço: Av. Veracruz. Edif. La Hacienda. Piso 5, ofic. 35F. Las Mercedes, Caracas. Telefones: (0212) 9932026 / 9571 Telefax: (0212) 9916448 E-mail: editorial@correiodevenezuela.com

Chefe de redacção Sergio Ferreira Soares |Jornalistas Carla Salcedo Leal, Victoria Urdaneta, Ommyra Moreno, Kenner Prieto, Antonio Da Silva |Correspondentes Edgar Barreto (Falcón), Carlos Balaguera (Carabobo), Sandra De Andrade (Aragua), Sandra Rodríguez (La Victoria), Trinidad Macedo (Lara), Silvia K. Gonçalves (Bolívar), Mariana Santos (Nueva Esparta), Luis Canha (Mérida), Daniela García (Miranda), Antonio Dos Santos (Zulia) |Colaborações Catanho Fernandes, Arelys Gonçalves, Antonio López Villegas, Isabel Idárraga, Shary Do Patrocinio, Serafim Marques, António Delgado |Publicidade e Marketing Carla Vieira |Paginação Elsa de Sá |Fotografia Francisco Garrett |Administração Yenny Ávila |Distribuição Luis Alvarado, Carlos Agostinho Perregil R. |Impressão Grupo Últimas Noticias. Caracas -Venezuela |Tiragem 15.000 exemplares |Fontes de Informação Agência Lusa, Diário de Notícias, Diário de Notícias da Madeira, Ilhapress, Portuguese News Network e intercâmbio com publicações em língua portuguesa.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Actual

Albuquerque volta a Caracas como presidente governo Agostinho Silva asilva@dnoticias.pt

Miguel Albuquerque regressa na próxima semana a Caracas, pela primeira vez investido das funções de presidente do Governo Regional da Madeira. O chefe do Executivo madeirense faz-se acompanhar de uma comitiva empresarial numa missão político-económica dirigida à Comunidade luso-venezuelana. A visita engloba também uma deslocação a Miami. Albuquerque chega no fim-desemana a Caracas. No domingo participa num almoço no Centro Português, para o qual estão já inscritos cerca de 900 pessoas oriundas de várias partes da Venezuela. Apesar da situação político-económica que vigora no país, o governante madeirense fez questão de regressar ali para expressar a confiança numa das mais representativas comunidades portuguesas em todo o mundo. Recorde-se que, na qualidade de autarca e noutras alturas mais favoráveis, Albuquerque marcou presença por variadíssimas vezes junto da Comunidade madeirense; agora, perante um cenário de muitas incertezas, o político regional mantém a mesma confiança nos seus conterrâneos. Após a recepção apoteótica

no principal clube português da Venezuela, no domingo, Miguel Albuquerque e a comitiva empresarial participam na segunda-feira na conferência “A Madeira e o Futuro”, no Hotel Pestana Caracas, uma iniciativa da Câmara de Comércio Luso-Venezuelana, BANIF e DIÁRIO de Notícias da Madeira. Para além do presidente do Governo madeirense, na conferência intervêm também representantes do CINM-Centro Internacional de Negócios da Madeira (Roy Garibaldi) e da APM-Associação de Promoção da Madeira (Roberto Santa Clara), antes de um debate moderado pelo director do DIÁRIO, Ricardo Miguel Oliveira. O encerra-

Eleições

Consulados apelam ao recenseamento para as Presidenciais Sergio Ferreira Soares

Os cidadãos lusos terão oportunidade de inscrever-se até meados de Novembro. Os consulados gerais de Portugal em Caracas, Distrito Capital e Valência, Estado Carabobo, emiti-

ram comunicados a incentivar a comunidade luso-venezuelana para o recenseamento eleitoral, a fim de poder participar e cumprir com o seu dever nas próximas eleições presidenciais em terras ibéricas. Os cidadãos lusitanos interessados em exercer o seu direito de voto deverão preencher o respectivo pedido e entregá-lo nas sedes dos consulados gerais. “O Consulado alerta para o facto de que, como o recenseamento eleitoral

Apesar da situação político-económica que vigora no país, o governante madeirense fez questão de regressar ali para expressar a confiança numa das mais representativas comunidades portuguesas em todo o mundo mento da conferência ficará a cargo dos representantes do BANIF. Em Caracas a comitiva madeirense participa ainda em mais uma

em Portugal é obrigatório, qualquer acto consular realizado no país com alteração da residência oficial no CC implica o automático recenseamento em Portugal ou a transferência do mesmo; isto é, se um português se encontra recenseado na Venezuela e executa um acto consular em Portugal, fica automaticamente apenas aí recenseado. Poderá, no entanto, proceder novamente ao recenseamento na Venezuela se provar aí residir permanentemente; essa prova faz-se mediante a apresentação de um recibo da luz ou água da sua residência onde conste o seu nome, contrato de arrendamento em seu nome, certificado de residências, etc.”, lê-se no comunicado do Consulado em Caracas. As instituições lusas alertam que, no âmbito das próximas eleições para a presidência, o recenseamento eleitoral encerra 60 dias antes da data do escrutínio.

Venezuela 3

tertúlia da Academia do Bacalhau, na qual são esperados mais de 300 empresários de diversos ramos de actividade. A Academia do Bacalhau é uma das instituições da Comunidade mais activas sobretudo na arrecadação de receitas para financiar diversas obras de cariz social. Depois da Venezuela, Albuquerque e comitiva empresarial seguem para Miami, onde se fixou uma importante e poderosa comunidade portuguesa. O governante tem encontros marcados com investidores e empresários, bem como a reedição da conferência ‘A Madeira e o Futuro’, desta vez sob a organização do Ocean Bank. BANIF sempre presente O BANIF volta a estar presente junto da Comunidade luso-venezuelana, como sempre tem feito nas últimas décadas. David Correia, director comercial daquela instituição bancária na Madeira, recorda que “a relação do BANIF com a comunidade emigrante confunde-se com a própria história do banco.” E explica porquê: “Não fosse o BANIF o único banco com sede na Região Autónoma da Madeira, de onde partiram muitos madeirenses, para a diáspora.” Uma razão bastante forte que torna a comunidade emigrante “um pilar na história e na estrutura do BANIF.” Por forma a estar mais próximo dos seus clientes emigrantes na Venezuela, o banco madeirense mantém desde há 20 anos um Escritório de Representação em Caracas que “se tem revelado fundamental na política de evolução do Banco e é um ponto de contacto bastante importante da comunidade com o seu banco e a Região.”

breves 11.840 toneladas de alimentos provenientes da Argentina e Colômbia

Um total de 11.840 toneladas de alimentos serão distribuídas a preços justos pela rede de abastecimentos do Govenro Nacional. Os produtos alimentares chegaram ao país em dois navios, San Alessio e San Álvaro, provenientes da Argentina e Colômbia, que descarregaram na Bolivariana de Puertos, em Carabobo, 247 contentores com carne de bovino, outros 205 com frago, 179 com leite, 44 com margarina e 24 com legumes.

Decretado estado de emergência em Atures O Presidente venezudelano Nicolás Maduro decretou, no passado 26 de Outubro, o estado de emergência no município de Atures, zona de passagem do Estado de Amazonas para a Colômbia, para combater grupos de paramilitares, de narcotraficantes e o contrabando de produtos. O decreto presidencial alega a existência de “circunstâncias extraordinárias que afectam a ordem socioeconómica e a paz social” local e que visa “garantir a toda a população o gozo pleno e exercício dos direitos”.

Cidadania

Barquisimeto receberá permanência consular Sergio Ferreira Soares

Consulado de Valência promove emissão de passaportes e recenseamento eleitoral Depois da bem sucedida permanência consular realizada na cidade de Maracaibo, Estado de Zulia, no passado 2 e 3 de Outubro, o Consulado Geral de Portugal em Valência, Estado de Carabobo, prepara-se para a realização de uma nova jornada desta

feita na cidade de Barquisimeto. Assim, o Cônsul Geral de Portugal em Valência, João Brito Câmara, realizará está sessão extraordinária entre 6 e 7 de Novembro, nas instalações do Consulado Honorário de Portugal na capital do Estado de Lara. Recorde-se que as permanências consulares têm como finalidade facilitar informação aos cidadãos lusitanos para a emissão de documentos, além de renovar passaportes através do sistema off-line. Posteriormente, os cidadãos podem receber o documento em casa ou levantá-lo na sede consular de Valência.


4 Venezuela

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Caracas

Associação Mulher Migrante realizou primeira tertúlia

Fotografias com história

Ommyra Moreno

A associação procurou realçar a importância da mulher na sociedade A Associação Nacional Mulher Migrante Luso-venezuelana realizou a sua primeira tertúlia, denominada “Chá y Café”, numa convocatória que congregou companheiras de diferentes estados no Salón Pinto’s, no sector La Florida, em Caracas. A tertúlia começou com umas palavras de boas-vindas, proferidas pela presidenta da direcção, Milú de Almeida, que depois empossou a delegação regional de Caracas e Miranda, encabeçada por Mimí Coelho. A iniciativa foi levada a cabo no quadro do Dia Internacional da luta contra o Cancro da Mama e contou com um debate sobre prevenção, que esteve a cargo da Dra. Zoraida Méndez, a quem as participantes colocaram dúvidas e pediram esclarecimentos sobre mitos relacionados com esta doença. Milú de Almeida aproveitou a oportunidade para anunciar as próximas actividades que serão promovidas pelas delegações da associação a nível nacional, assim como o Encontro Regional das Mulheres Portuguesas no Estado de Mérida, em parceria com o Consulado de Portugal em Mérida, a 31 de Outubro. No Estado de Miranda está agendado um outro encontro

EM AGENDA A Associação Mulher Migrante, o Consulado de Portugal em Mérida, a Casa Portuguesa e a Fundação Luso-venezuelana “Casa Madeira” levarão a cabo o 1º Encontro Regional da Comunidade Portuguesa no Estado de Mérida e a tomada de posse da 1ª Comissão Regional em Mérida, no sábado, 31 de Outubro, pelas 03:30 pm. O acto terá lugar no Salão “Tibisay” do Hotel “La Pedragosa”, situado no final da avenida Los Próceres, zona industrial. Os interessados em participar deverão contactar os organizadores pelos telefones (0412)329785, (0414)7448746 e (0414)7172180, ou escrever para o endereço de correio electrónico: contacto@mulhermigrante.org.ve para 14 de Novembro, desta vez com a colaboração do Consulado de Portugal em Los Teques. As companheiras, como são conhecidas na associação, compartiram uma agradável merenda durante o evento, que foi concluído com a entrega de certificados às participantes e apresentação das conclusões do debate, as quais

salientaram a prevenção oportuna do cancro da mama. A Associação “Mulher Migrante” foi oficializada em Fevereiro de 2014, com o fim de promover, aprofundar e dinamizar o intercâmbio entre mulheres da comunidade luso-venezuelana e pessoas interessadas nos aspectos históricos, sociais, culturais e jurídicos das migrações.

‘Avozinhos’ festejaram o Halloween Carla Salcedo Leal csalcedo@correiodevenezuela.com

As Netas do Lar disfarçaram-se para proporcionar uma agradável surpresa. As Netas do Lar, uma associação civil sem fins lucrativos, visitaram, na tarde do dia 16 de Outubro, o Lar Padre Joaquim Ferreira, a fim de celebrar, junto com idosos, a

festa do Halloween. Foi com disfarces e muito entusiasmo que as netas animaram os idosos, incentivando-os a usarem eles próprios as perucas e máscaras, juntando-se ao espírito da festa. Não houve desafio que lhe colocassem que não quisessem enfrentar, entre música, dança e sobretudos muitos risos, ouvidos durante essa tarde diferente, que os avós esperam sempre com muita emoção para partilhar com aqueles que estão dispostos a dedicar-lhes um

pouco de tempo em troca de um abraço ou um sorriso. As Netas do Lar Padre Joaquim Ferreira realizam periodicamente estas visitas, com a finalidade de contribuir para ajudar o lar, mas sobretudo para dar apoio moral aos avós que ali vivem, oferecendo-lhes uma tarde de surpresas e diversão pelo menos quatro vezes por ano. O próximo encontro oficial entre avós e netas será para receber o Natal e esperar as prendas do Pai Natal.

Sidónio Pais Fernando Cámara Fcamara@correiodevenezuela.com

A fotografia desta semana é de Sidónio Pais, quem nasceu em Caminha (município em Viana Do Castelo), a 1 de Maio de 1872 e faleceu em Lisboa, a 14 de Dezembro de 1918. Foi o quinto Presidente da República da história de Portugal, cargo que exerceu de 28 de Abril de 1918 a 14 de Dezembro de 1918. Iniciou a sua carreira militar na Escola do Exército no ramo da Artilharia, em 1888. Aluno de destaque, completou com distinção o cursos e foi promovido a alferes em 1892, a tenente em 1895, a capitão em 1906 e a major em 1916. Após a conclusão do curso da Escola do Exército matriculouse na Universidade de Coimbra, onde se licenciou em Matemática, disciplina em que se doutorou, naquela mesma Universidade, no ano de 1898. Data deste período a sua adesão aos ideais republicanos, quando a Monarquia Constitucional Portuguesa vivia os seus anos finais. Após a implantação da República Portuguesa em 1910 foi catapultado para a vida política activa: depois de durante um breve período de tempo ter ocupado o cargo de membro dos corpos gerentes da Companhia de Caminhos de Ferro,[2] foi eleito deputado à Assembleia Nacional Constituinte que elabo-

rou a Constituição Portuguesa de 1911. Membro destacado da Assembleia Constituinte, foi nomeado Ministro do Fomento do Governo presidido por João Chagas, assumindo as funções a 24 de Agosto de 1911. Após a queda do governo, permaneceu em funções governativas, transitando para a pasta de Ministro das Finanças do governo de concentração liderado por Augusto de Vasconcelos Correia, tomando posse a 7 de Novembro daquele mesmo ano, cargo que exerceu até 16 de Junho de 1912. Numa fase em que as tensões internacionais que levaram à Primeira Guerra Mundial já se sentiam, foi nomeado para o cargo de ministro plenipotenciário de Portugal (embaixador) em Berlim. Regressado a Portugal, foi naturalmente engrossar a fileira daqueles que se opunham à participação de Portugal na Grande Guerra, catalisando o crescente descontentamento causado pelo esforço de guerra e pelos maus resultados obtidos pelo Corpo Expedicionário Português na frente de batalha. Afirmou-se então como o principal líder da contestação ao Governo do Partido Democrático e de 5 a 8 de Dezembro de 1917 liderou uma insurreição protagonizada por uma Junta Militar Revolucionária, da qual era Presidente.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 5


6 Venezuela

Quinta-feira 28 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

CLUBES

Centro Luso Larense celebra aniversário em grande

CLUBES

CSLV Acarigua-Araure com centro de recolha Carla Salcedo Leal

São pedidos artigos como roupa, alimentos e medicamentos.

Carla Salcedo Leal csalcedo@correiodevenezuela.com

Reconhecimentos e festividades para celebrar 38 anos. O Centro Luso Larense está a celebrar o mês de aniversário com uma série de actividades com as quais reconhecem o passado e se preparam para desfrutar do futuro. O mês de Novembro vai tornar-se uma festa, com diferentes actividades, assim como com a contínua melhoria dos espaços disponibilizados. No passado dia 22, a junta directiva, encabeçada por Manuel Farias, organizou um acto solene no qual entregou a ordem Luís Vaz de Camões a cinco dos membros fundadores do clube, a fim de reconhecer o árduo trabalho realizado por estes homens em prol da comunidade portuguesa radicada no Estado de Lara. Na cerimónia foram reconhecidos Sidónio de Sousa, Pedro Fer-

reira, Adelino Rodrigues, António Neves e José de Castro, que, acompanhados por um selecto grupo de convidados, celebraram o avanço que a instituição teve desde aqueles dias de trabalho numa casa colonial de Barquisimeto até à sede que ocupam actualmente, reconhecido como um dos mais clubes mais completos do país. Ao ritmo de Aditus E para o brinde como mandam

as regras, na noite de sexta-feira, 23, a festa de aniversário contou com casa cheia, na estrutura do novo estacionamento do clube, com a música a cargo da banda venezuelana Aditus, que recordou a época dourada da música pop no nosso país, com os seus êxitos mais sonantes. No palco estiveram ainda a Orquestra Tropicalísimo, que pôs todos a dançar com o som das Caraíbas, e ainda o DJ Alcides Román, que entusiasmou os mais jovens.

As chuvas voltaram a fazer estragos no passado domingo, 25 de Outubro, na região dos llanos venezuelanos. A forte tempestade registada na noite de sábado até à manhã de domingo levou ao aumento do nível das águas dos rios Sarare e Portuguesa, que se uniram e afectaram, por sua vez, o rio Acarigua, atingindo pelo menos 500 famílias dos municípios. Uma das zonas mais afectadas encontra-se a apenas 10 minutos

Centro Acarigua-Araure prepara novas eleições Carla Salcedo Leal

Clubes

Quinta Edição da Festa Cor-de-Rosa foi um êxito

Pelo quinto ano consecutivo, sócios e amigos do Centro Português, situado na zona Este de Caracas, viveram uma noite diferente em benefício da luta contra o cancro da mama: A Festa Cor-de-Rosa. A iniciativa, promovida pelo Comité de Damas do referido centro, levada a cabo no passado dia 24 de Outubro, sexta-feira, contou com a presença de mais de 900 pessoas. Actuaram a Orquestra Asdriel e a sua Banda, o DJ Salvatore e ainda a habitual animação de Elio Gutiérrez. Os participantes puderam desfrutar de diferentes aperitivos e pratos, para além de muita variedade de bebidas. O ponto mais alto da noite foi a tradicional ‘Hora Loca’, que levantou o público das cadeiras ao ritmo de muitas canções latinas. Segundo a Organização Mundial de Saúde, o cancro da mama ocupa o primeiro lugar entre os cinco tipos de cancro mais comuns que causam a morte de mulheres em todo o mundo. Na Venezuela, são diagnosticados diariamente nove casos, dos quais quatro levam à morte.

do Centro Social Luso Venezuelano de Acarigua, zona de onde provém um número considerável de funcionários do centro e respectivas famílias. Nesse sentido, sócios e dirigentes do clube organizaram-se para erguer um centro de recolha que funcionará no escritório administrativo até ao próximo dia 1, domingo, para ajudar os mais afectados. Em comunicado emitido pelo centro social, a população é convidada a colaborar com donativos de roupa, alimentos não perecíveis, medicamentos para primeiros socorros e também artigos escolares. Para fazer donativos a partir de outras zonas do país, pode contactar o clube através do número de telefone 0255-6658791.

Desde o passado 28 de Outubro que se encontra instalado o Conselho Eleitoral no Centro Social Luso Venezuelano de Acarigua-Araure, com vista à realização de uma nova jornada eleitoral para escolher a directiva que levará as rédeas do clube no período 2016-2018. Com bons olhos encara-se o processo que se realizará no domingo, 28 de Novembro, no qual, ao contrário de outros clubes que vão para o mesmo processo, até ao momento já apresentaram quatro listas candidatas. Com Antonio Perez Bigott, Eli Sarmiento, Roger Rojas e Orlando Alvarado, o actual presidente

Nós não queremos distanciarmo-nos da comunidade que nos deu o nome”

da associação, lideram as listas que serão sufragadas pelos sócios. Destaque para o facto de as quatro listas possuírem experiência noutras juntas directivas e inclusivamente integrarem membros que já trabalharam juntos. Em prol da portugalidade Um dos grandes problemas que este centro social enfrentou foi desinteresse de algumas juntas directivas anteriores em relação às raízes portuguesas, numa disputa que não deixou mais que perdas de parte a parte, por terem sido tomadas decisões como deixar de participar no clube pelo lado dos portugueses, e um grupo de venezuelanos que não se sentiam identificados com a origem da associação. No entanto, nos últimos dois anos esta situação tem vindo a ser alterada, e inclusive foi operada uma importante aproximação entre ambas culturas, graças ao trabalho não só da directiva como também do Comité de Damas, que tem trabalhado incansavelmente para recuperar algumas das tradições que orientavam o centro desde a sua fundação.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 7


8 Venezuela

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Idioma

Tradição

Escola de Idiomas Modernos CP e Sociedade de prepara semana extraordinária Damas celebram São Martinho Ommyra Moreno

Debates na UCV serão centrados em diferentes áreas do conhecimento linguístico, como literatura, tradução, interpretação, idiomas e música A semana extraordinária da Escola de Idiomas Modernos da UCV será levada a cabo entre 9 e 13 de Novembro, no auditório da Faculdade de Humanidades e Educação, Sala Francisco de Miranda, no edifício Trasbordo. O evento foi planeado com o propósito de instruir os estudantes da escola sobre os caminhos académicos que podem empreender uma vez finalizada a sua formação. De igual, espera-se que os estudantes possam compartir com os membros das associações de tradutores e intérpretes e com os convidados estrangeiros, para assim estreitar os laços profissionais em prol da comunidade estudantil. O Departamento de Tradução e Interpretação da escola organizará uma proba de interpretação subordinada à crise migratória no mundo, na quarta-feira, 11 de Novembro. A actividade contará com a presença de convidados das em-

Sergio Ferreira Soares

Comunidade recordará este santo que foi militar, monge e bispo de Turonum

baixadas de Portugal, França, Reino Unido, Itália, Alemanha e Espanha, para que os estudantes dessas disciplinas, orientados pelos seus professores, possam colocar em prática os conhecimentos adquiridos na área da interpretação. No programa, a direcção da escola tem previsto realizar concursos de tradução para premiar a capacidade tradutora dos estudantes e a investigatória na busca de tradutores destacados. Neste sentido, apresentarão os progressos alcançados e as propostas para o corrente ano académico 20152016. A inscrição para o evento realiza-se via internet e custa Bs 300, preço que inclui material e um certificado de presença. As pré-

Para obter mais informação basta entrar em contacto com os organizadores através do telefone 0212 6050090 ou dirigir-se à Escola de Idiomas Modernos da UCV. inscrições estão agendas para 28 e 29 de Outubro, com um máximo de 25 participantes por sessão. Para obter mais informação basta entrar em contacto com os organizadores através do telefone 0212 6050090 ou dirigir-se à Escola de Idiomas Modernos da UCV.

Tradição

Tudo pronto para celebrar a Festa do Minho Ommyra Moreno

O Centro Português acolhe uma vez mais a esperada celebração minhota. A comissão organizadora da Festa do Minho na Venezuela já

anunciou a sua tradicional festividade para este ano: Será no dia 28 de Novembro, a partir das 7:30 pm, no salão nobre do Centro Português em Caracas, situado na zona Este da capital. Este ano, a festa contará com a participação de artistas convidados como Sandra & Ricardo Rodrigues e Jesule El brujo flamenco, em conjunto com as actuações especiais do grupo folclórico Os Lusíadas e a Orquestra Alvis Band.

O comité organizador informou ainda que já estão à venda os bilhetes para a festa, que incluem jantar com três garrafas de vinho e uma garrafa de whisky. As mesas contam com oito lugares cada, motivo pelo qual não serão vendidas entradas individuais. As reservas para esta celebração da comunidade luso-venezuelana podem ser feitas através dos telefones 0212 2679011 e 0424 1375178.

O Dia de São Martinho é uma das festividades mais importantes que se celebra antes do final do ano em Portugal. Como era de esperar, num país com muitos emigrantes lusitanos como é o caso da Venezuela, algumas organizações estão a planear festividades em honra deste Santo. A primeira em anunciar o seu Arraial de São Martinho foi o Centro Português, de Caracas. A agendada é o sábado, 14 de Novembro, a partir do meio-dia, na área da Fonte de Soda. Sob a tradicional temática “Castanhas e Vinho”, os organizadores esperam contar com uma participação massiva dos accionistas desta associação, que po-

derão desfrutar de uma grande variedade de pratos típicos, além da actuação de diversos grupos musicais e folclóricas, entre outras surpresas. Por seu turno, a Sociedade de Beneficência de Damas Portuguesas levará a cabo o seu habitual Almoço de São Martinho no domingo, 22 de Novembro, nas instalações da Quinta Lelly, sede de desta associação, em Macaracuay. Caldo verde, bacalhau assado e casta hás, sãs algumas das iguarias que poderão ser apreciadas na ocasião. Recordemos que esta instituição de beneficência promoveu, no passado 5 de Outubro, o seu tradicional Almoço de Outono, que contou com a presença massiva das pessoas que habitualmente colaboram com as diferentes causas desta associação. Este ano, a Sociedade de Beneficência de Damas Portuguesas celebrou 46 anos de vida, e todos esperam continuar a cumprir as suas metas nos próximos anos, ajudando um cada vez maior número de pessoas carenciadas.

Um pouco de história São Martinho nasceu no antigo Império Romano, especificamente em Sabaria, Panonia, em 316 e morreu em Condate, Galia, em 397. Foi um militar, monge e mais tarde, bispo de Turonum (Tours – França), e é considerado um santo pela igreja Católica. A sua vida transcorreu no século IV. Foi um dos impulsionadores da cristianização da Europa. Foi discípulo de San Hilario de Poitiers e foi contemporâneo de Agustín de Hipona. O seu pai foi soldado e comandante do exército romano. O seu local de nascimento, Sabaria, actualmente é Szombathely, cidade húngara a Oeste do Rio Danúbio. A lenda de São Martinho conta que certo dia, o soldado estava a caminho da sua terra natal. O tempo estava muito frio e Martinho encontrou um mendigo cheio de frio que lhe pediu esmola. Martinho rasgou a sua capa em duas e deu uma ao mendigo. De repente o frio parou e o tempo aqueceu. Este acontecimento acredita-se que tenha sido a recompensa por Martinho ter sido bom para com o mendigo. A sua festa celebra-se a 11 de Novembro. Por norma, na véspera e no Dia de São Martinho, o tempo melhora e o sol aparece. Este acontecimento é conhecido como o Verão de São Martinho. Há muitas tradições festivas associadas a esta fecha e que se relacionam com um espírito de convivência e solidariedade. Algumas destas tradições são comer um ganso, beber vinho novo (armazenado depois da colheita) e lançar fogo de artifício, entre outras coisas. Há quatro mil igrejas dedicadas a ele só em França, e o seu nome foi dado a um sem fim de localidades, vilas e povoações em todo o Mundo.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidad 9


10 Portugal

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

XX Governo Constitucional

Passos Coelho propôs executivo com 16 ministros, oito dos quais novosa CORREIO/LUSA

Em comparação com o anterior Governo, são criados três novos ministérios na orgânica do XX Governo A proposta de composição do XX Governo Constitucional apresentada, a 27 de Outubro, pelo primeiro-ministro indigitado, Pedro Passos Coelho, é composta por um vice-primeiro-ministro mais quinze ministros, dos quais oito são novos, e inclui no total quatro mulheres. Em comparação com o anterior Governo, são criados três novos ministérios na orgânica do XX Governo: o Ministério da Cultura, Igualdade e Cidadania, o Ministério dos Assuntos Parlamentares - que deixa de estar integrado com a Presidência - e o Ministério Moderniza-

ção Administrativa. Por outro lado, o Ministério do Desenvolvimento Regional é agora integrado no Ministério da Presidência. Os oito novos ministros propostos por Passos Coelho são: João Calvão da Silva, para a Administração Interna, Fernando Negrão, para a Justiça, Miguel Morais Leitão, para a Economia, Fernando Leal da Costa, para a Saúde, Margarida Mano, para a Educação e Ciência, Rui Melo Medeiros, para a Modernização Administrativa, Teresa Morais, para a Cultura, Igualdade e Cidadania, e Carlos Costa Neves, para os Assuntos Parlamentares. António Costa: Governo não tem futuro No mesmo dia, o secretáriogeral do PS, António Costa, utilizou a rede social Facebook para dizer que o Governo proposto por Pedro Passos Coelho “não tem futuro” e tem consciência disso. “A constituição do governo que acaba de ser anunciado pela

CGTP convoca oncentração junto à AR A CGTP anunciou, também 28 de Outubro, a realização de uma concentração junto à Assembleia da República, em Lisboa, para o dia em que serão votadas as moções de rejeição ao Governo já anunciadas. O anúncio foi feito pelo secretário-geral da central, Arménio Carlos, em conferência de imprensa. direita é uma clara demonstração de continuidade sem evolução”, diz texto na página de Facebook CostaPS2015, que acompanhou a campanha para as legislativas do líder socialista e continua a ser utilizada para transmitir mensagens do PS e de António Costa. O texto segue com Costa a dizer que o novo Governo “demonstra uma coligação de direita esgotada

Pedro Passos Coelho foi indigitado primeiro-ministro, mas a oposição rejeita. FOTO DR

em si mesma, fechada sobre si própria, sem qualquer capacidade de atracção e de mobilização da sociedade portuguesa”. E prossegue: “É um governo sem futuro e com consciência disso”. Inviabilizada marcação de plenário antes do programa de Governo A maioria composta por PS, BE, PCP e PEV inviabilizou, a 28 de Outubro, a marcação de um plenário na próxima semana para discutir um projecto de PSD e CDS-PP de “reafirmação dos principais compromissos de Portugal em matéria europeia”. PSD e CDS-PP acusaram esta “aliança negativa” de estar a bloquear o início das sessões regulares do parlamento, e PS, BE,

Justiça

Operadores judiciários fazem balanço negativo reforma do mapa judiciário CORREIO/LUSA

Reforma operada há um ano pelo Governo não cumpriu nenhum dos seus objectivos Os operadores judiciários teceram, na quarta-feira, 28 de Outubro, em Coimbra, várias críticas ao novo mapa judiciário, com a Ordem dos Advogados (OA) a considerar que a reforma operada há um ano pelo Governo não cumpriu nenhum dos

A falta de funcionários de justiça é um dos exemplos para alegar que a reforma falhou. FOTO DR

seus objectivos. “Fundamentalmente, esta reforma é feita em nome da celeridade,

da especialização e da proximidade, e, para já, agravou a celeridade, aumentou as pendências e distan-

ciou a justiça dos cidadãos”, disse Eldad Manuel Neto, vice-presidente da OA. O dirigente dos advogados falava no colóquio “Mapa Judiciário - Um ano de balanço”, promovido pelo Conselho Regional de Coimbra da OA e pela associação República do Direito, que juntou representantes da Associação Sindical dos Juízes Portugueses , do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público, do Sindicato dos Funcionários Judiciais e do Observatório Permanente da Justiça. Segundo Eldad Neto, existem tribunais que correm o risco de ficar sem processos por causa da sua

PCP e PEV contrapuseram que, de acordo com a prática e o regimento, é a discussão do programa de Governo que é prioritária, e que foi hoje marcada para os dias 9 e 10 de Novembro. O presidente da Assembleia da República, o socialista Eduardo Ferro Rodrigues, registou a posição maioritária e a ausência de consenso e que, portanto, não havia condições para marcar esse debate pretendido por PSD e CDS-PP. Ferro Rodrigues invocou a falta de precedente para que houvesse uma discussão em plenário marcada para uma data anterior à discussão do programa de Governo, relatou aos jornalistas o porta-voz da conferência de líderes, o deputado do PSD Duarte Pacheco.

desclassificação, enquanto outros, na periferia, “numa visão da reforma administrativa completamente desajustada, se afogaram na migração de processos que torna praticamente impossível dar resposta a uma inundação processual dessa ordem”. “Temos de introduzir medidas urgentes, por forma a minorar aspectos gravíssimos desta reforma e, portanto, é possível com o poder político, a OA, os magistrados e os funcionários judiciais investir um pouco mais na justiça, para que alguns aspectos muito maus possam ser ligeiramente invertidos e corrigidos de forma a que a justiça regresse como deve ser aos tribunais, ao interior profundo e à cidadania”, sublinhou. Por seu lado, João Paulo Raposo, secretário-geral da Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP), considera que a reforma apresenta uma grande falha, que resulta da falta de funcionários de justiça, embora aponte alguns aspectos positivos.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidad 11


12 Portugal

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Banco Mundial

Quase toda a lusofonia na pior metade do mundo para fazer negócios CORREIO/LUSA

Três membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa estão mesmo na dúzia com pior avaliação Quase toda a lusofonia, com excepção de Portugal, faz parte da pior metade do mundo para fazer negócios, de acordo com o ‘ranking’ do Banco Mundial (BM) “Doing Business 2016” que avalia 189 países. Três membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) estão mesmo na dúzia com pior avaliação: Guiné-Bissau em 178.º lugar, Guiné Equatorial em 180.º e Angola em 181.º. Ainda assim, todos os países lusófonos assinalam melhorias em relação ao último ano, com excepção de Timor-Leste e Guiné Equatorial. Timor-Leste, na 173.ª posição, é referido no relatório como um exemplo de economia em que o mercado imobiliário de terrenos pouco ou nada funciona “por faltar um registo de propriedades” em conformidade. A Guiné Equatorial está no grupo de três países em que nenhum dos indicadores abordados pelo estudo no último ano foi reformado - a par dos Camarões e República Centro Africana, refere o documento. Os indicadores que servem para construir o ‘ranking’ são afinados de ano para ano e desta vez, com dados referentes a Junho de 2015, colocam Portugal em 23.º lugar. Na Lusofonia, segue-se o Brasil em 116.º, com o relatório a destacar a execução de um portal electrónico (SISCOMEX) que permite “reduzir o tempo necessário para obter autorizações alfandegárias e documentos com vista à exportação de produtos”. Cabo Verde surge depois em 126.º e o relatório destaca a diminuição dos impostos sobre a transferência de propriedade, para além

Portugal ocupa o 23.º lugar o ‘ranking’ do Banco Mundial (BM) “Doing Business 2016”. FOTO DR

de apontar o país como um exemplo de como a digitalização da informação “não está reservada apenas para as economias mais ricas”. “Vários países em desenvolvimento têm digitalizado os registos de propriedades. Cabo Verde é um deles. Nas duas maiores cidades, Praia e Sal, todos os títulos de propriedade foram digitalizados e foram implementadas aplicações para a eles aceder”, refere o relatório. Moçambique surge em 133.º lugar e o ‘ranking’ do Banco Mundial realça que agora “é mais fácil pagar impostos graças à introdução de sistemas electrónicos mais avançados”, ao mesmo tempo que mais despesas passaram a ser dedutíveis. Ainda assim, Moçambique é apontado no relatório como um exemplo de como a eficiência dos tribunais varia à volta do mundo. “Em cinco países, incluindo a Indonésia e Moçambique, o custo [de uma acção judicial] pode superar o valor em disputa, dando a ideia de que a litigação pode não ter a melhor relação custo-eficiência para resolver um conflito”, escreve-se. Já na cauda da tabela, na 166.ª posição e com uma classificação

abaixo de 50 valores (num índice de 0 a 100), surge São Tomé e Príncipe. O relatório alerta para a demora que pode levar um processo de insolvência: “em média demora seis anos” e mais alguns meses. Em Angola, é destacado o trabalho feito para facilitar os registos necessários à abertura de uma empresa, a diminuição de taxas de início de actividade e a redução de impostos cobrados às empresas. Na Guiné-Bissau, o estudo regista melhorias ao nível da diminuição dos impostos sobre a transferência de propriedade, mas deixa um aviso para as demoras na justiça. O relatório coloca o país ao lado do Suriname e Afeganistão como o grupo de países onde uma disputa comercial se pode prolongar durante mais tempo nos tribunais. O ‘ranking’ é elaborado com base na análise de uma dezena de indicadores, como tempo, custo ou procedimentos para abrir um negócio, obtenção de alvarás de construção, protecção de investidores minoritários, acesso à electricidade, registo de propriedade, pagamento de impostos, obtenção de crédito, execução de contratos ou resolução de insolvências.

Economia

Dez maiores empresas concentaram 1/5 das exportações/importações CORREIO/LUSA

Segundo as estatísticas do ‘Comércio Internacional por Características das Empresas’ relativas a 2014 As 10 maiores empresas em Portugal foram responsáveis por um quinto do valor exportado e importado em 2014, sendo notória uma “crescente diversificação” de mercados para países terceiros devido à crise económica na Europa, divulga o INE, na terçafeira, 27 de Outubro. Segundo as estatísticas do ‘Comércio Internacional por Características das Empresas’ relativas a 2014, divulgadas pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), esta “significativa concentração” do valor num “número limitado” de empresas foi “ainda mais acentuada” no comércio extra comunitário, com as cinco maiores empresas a concentrarem 23% das exportações e 51,6% das importações. Ainda assim, nota o INE, face à média do período 2010-2013 verificam-se reduções, “apesar de pouco significativas”, na concentração das exportações num número reduzido de empresas. As empresas com maior diversificação de mercados concentraram o maior valor transaccionado em 2014, equivalente a 42,4% nas exportações e a 28,7%

nas importações, mas o facto é que a maioria das empresas (69,3% das exportadoras e 86,6% das importadoras) transaccionou bens com apenas um país. De acordo com o INE, face à média dos últimos quatro anos tem-se verificado uma “crescente diversificação” de mercados de exportação e também de importação, principalmente para países terceiros,” em resposta à crise económica que se tem sentido particularmente na Europa”. Comparando 2014 com a média do período 2010-2013, verificou-se um aumento mais significativo no número de empresas a exportar para 20 ou mais países extra-UE (+34,1%), enquanto no comércio intra-UE esse acréscimo foi de 17,7%. Os 69,3% de empresas que em 2014 exportou bens para apenas um mercado foram responsáveis por apenas 7,6% do valor transaccionado, enquanto as unidades que apresentaram uma maior diversificação de mercados (20 ou mais países) concentraram o maior peso no valor exportado (42,4%), apesar de corresponderem a apenas 1,9% do total de empresas exportadoras de bens. Face à média dos últimos quatro anos, o INE reporta que o peso do número de empresas que exportam para apenas um país decresceu 1,3 pontos percentuais (p.p., de 70,6% para 69,3%) e aponta uma maior concentração do valor exportado nas empresas com 20 ou mais países clientes (+1,4 p.p., de 41,0% para 42,4%).

Tem-se verificado uma “crescente diversificação” de mercados de exportação e também de importação. FOTO DR


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidad 13

Banquetes

Gales

Salón Majestic

Fátima Vieira e Leonardo Fermín unidos pelo sagrado matrimónio Ommyra Moreno Suárez

Fátima e Leonardo comemoraram um novo capítulo nas suas vidas com uma elegante recepção no Salão Majestic de Banquetes Gales, situado no Centro Comercial Ciudad Tamanaco (CCCT), na zona este da capital. A celebração começou às 9:00 da noite de sábado, 24 de Outubro, com a chegada dos noivos, em união com familiares e amigos mais próximos. A noiva deslumbrou num traje delicadamente executado com encaixes brilhantes, que davam um toque romântico e requintado, em sintonia com o conceito da festa de casamento.

O salão deslumbrou os convidados com uma decoração baseada em cristais, que produziram o efeito perfeito para a ocasião. O casal abriu a pista de dança com a tradicional valsa, que foi seguida de temas representativos do namoro. A mãe de Fátima, Rita de Gouveia, de natural da Madeira, juntamente com os pais de Leonardo, José Fermín e Surima Goves, expressaram os seus agradecimento e deram as boas-vindas a todos os convidados. O Grupo Folclórico Pérola do Atlântico surpreendeu os presentes com uma apresentação ao ritmo das toadas populares da Ilha da Madeira.


14 Portugal

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Cibercrime

PJ apela aos internautas para que tenham cuidados redobrados para evitar CORREIO/LUSA

O ‘phishing’ é uma fraude informática em que o criminoso se faz passar por uma instituição ou empresa A Polícia Judiciária (PJ) apelou, no passado 28 de Outubro, aos utilizadores da internet que se certifiquem primeiro se as empresas que oferecem empregos realmente existem e só depois respondam às propostas de trabalho, para evitarem ser vítimas de fraudes de ‘phishing’. O ‘phishing’ é uma fraude informática em que o criminoso se faz passar por uma instituição ou empresa para tentar convencer a vítima a divulgar dados pessoais e ficar na posse da sua palavra-passe e de números de contas bancárias.

A PJ alerta que deve haver uma “preocupação constante”. FOTO DR

Depois de terem acesso às contas bancárias online, os criminosos conseguem “materializar o furto”, através de transferências para as suas contas, explicou o coordenador de investigação da PJ Carlos Cabreiro, que falava à Lusa a propósito do projecto PROTEUS, que visa apoiar e esclarecer as vítimas de roubo de identidade e prevenir estas situações. O projecto, co-financiado pela Comissão Europeia, foi desenvolvido pela APAV, em parceria com a Procuradoria-geral da República, a PJ, a Procuradoria-Geral Espanhola, a Polícia Romena e o Centro de Violência de Género de Parnu (Estónia), e será apresentado no seminário “PROTEUS - Furto de identidade online: prevenção, combate e apoio à vítima”, que decorreram na quinta e sexta-feira, no auditório da PJ, em Lisboa. “O roubo de identidade é um termo de essência policial e que pretende abarcar um conjunto de situações em que as pessoas perdem o acesso a locais onde é preciso uma credenciação” (bancos online, redes sociais, plataformas onde seja necessário uma autenticação com ‘username’ e ‘password’), porque foram “subtraídas desta informação” e alguém passou a actuar em nome delas, explicou Carlos Cabreiro. Apesar de não ter dados actualizado sobre as denúncias destes crimes, o investigador disse que têm vindo a aumentar nas várias vertentes, quer ao nível do ‘phishing’, do roubo de identidades, roubo de palavra-chave, de perfis e de acesso às contas online. “Tudo isto é um escalar de situ-

ações, porque pode envolver também a extorsão e a devassa da vida privada, com base na informação privilegiada que se tem de uma determinada pessoa”, sublinhou. Um das técnicas utilizadas pelos criminosos é a “engenharia social”: “Não estamos a falar de uma prática evidentemente técnica”, mas de “uma prática em que alguém convence outro” a fornecer-lhes dados confidenciais. Outro método que utilizam para terem acesso a credenciais de outras pessoas é o “acesso ilegítimo a equipamentos informáticos”. “Se no primeiro [engenharia social] não é exigido muitos conhecimentos técnicos, no segundo já estamos a falar de alguma tecnicidade”, disse Carlos Cabreiro. Perante esta realidade, a PJ alerta que deve haver uma “preocupação constante” das pessoas em perceber se estão a ser aliciados para uma actividade ilícita.“Se, por exemplo, alguém está a ser contactado para fornecer determinados dados, se está a receber alguma proposta de emprego a vítima tem de certificar-se se está a falar com alguém que existe fisicamente”, explicou. Para isso, deve utilizar todos os mecanismos, além da internet, que permitam perceber se a entidade existe, como verificar se tem contacto telefónico e se este “é válido e coincide com o contacto dado por e-mail”. Para Cabreiro, o desafio para combater estes crimes “é encurtar um passo” que existe entre a recolha de prova e as práticas usadas pelos criminosos, tendo por base algumas especificidades do crime, como a transnacionalidade.

Sociedade

Violência doméstica já provocou mortede 40 mulheres este ano CORREIO/LUSA

Dados da GNR superam as médias registadas em 2013 e 2014, no Relatório Anual da Segurança Interna A GNR anunciou, no passado 27 de Outubro, que, este ano, já morreram 40 mulheres portuguesas por violência doméstica, valor que supera as médias registadas em 2013 e 2014, no Relatório

Anual da Segurança Interna. Em comunicado divulgado pelo Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) do comando territorial de Lisboa da GNR refere que, segundo dados oficiais, durante este ano, “já morreram às mãos de parceiros ou familiares próximos, 40 mulheres portuguesas, provocando a existência de 122 crianças órfãs”. No ano passado, e de acordo com a então secretária de Estado dos Assuntos Parlamentares e da Igualdade Teresa Morais, tinham sido assassinadas 32 mulheres, em contexto familiar, até final de Novembro.

Números do observatório da União de Mulheres Alternativa e Resposta (UMAR), divulgados no final do ano passado, referiam a morte de 40 mulheres em 2014, a maioria às mãos de actuais ou excompanheiros, apontando ainda que 46 conseguiram escapar a tentativas de homicídio. Os números da UMAR resultam do tratamento de dados, recolhidos através dos casos de violência doméstica, noticiados na imprensa. Em 2013, os dados do Relatório Anual da Segurança Interna apontavam para 40 homicídios conjugais, dos quais 30 eram mu-

No ano passado, 32 mulheres foram assassinadas em contexto familiar, até final de Novembro. FOTO DR

lheres. Segundo sublinha a GNR, o Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) tem-se dedicado a investigar processos relacionados com violência doméstica e maus-tratos e, nesse âmbito, realizou, desde o início do ano, 27 operações de

busca, apreendendo 42 armas de fogo e 1.480 munições. Além disso, realizou 27 detenções, que culminaram com a aplicação a estes suspeitos da medida de coação de prisão preventiva, e a retirada de 15 menores vítimas de maus-tratos por parte de familiares.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 15


16 Diáspora

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Angola e Moçambique

Emigração portuguesa tem lógica empresarial CORREIO/ECCLESIA

Conferência Internacional “Regresso ao futuro: a nova emigração e a relação com a sociedade portuguesa” decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian

A taxa de risco de pobreza diminuiu ligeiramente em relação a 2013. FOTO DR

Luxemburgo

A conferência decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian. FOTO DR

Um em cada cinco portugueses enfrenta risco de pobreza CORREIO/LUSA

O perfil da emigração portuguesa para Angola e Moçambique revela uma maioria de adultos masculinos com mais de 30 anos, com lógica empresarial e forte ligação a Portugal, indicam as conclusões de um projecto apresentado em Lisboa, na terça-feira, 27 de Outubro. “A emigração para Angola e Moçambique” foi um dos painéis da Conferência Internacional “Regresso ao futuro: a nova emigração e a relação com a sociedade portuguesa” que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian. Há algumas diferenças em relação a Angola e Moçambique, mas nos dois casos é uma emigração de pessoas com uma componente muito forte de adultos maduros, activos maduros, gente com mais de 30 anos e por vezes com mais de 40 anos”, referiu à Lusa Jorge Malheiros, investigador do Centro de Estudos Geográficos (CEG/ Universidade de Lisboa), um dos quatro institutos que coordenam o trabalho e que também englobou o SOCIUS do Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG), o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES/ISCTE) e o CES de Coimbra. “No caso de Angola tornou-se muito rápido encontrar emprego, porque daqui na maioria dos casos as pessoas vão com um emprego acertado a partir. Vão enquadrados numa lógica empresarial”, precisa Jorge Malheiros, que dirigiu a equipa do CEG envolvida neste estudo, com coordenação geral do professor João Peixoto, do ISEG. As conclusões do trabalho indicam que, no caso das duas ex-

colónias africanas, trata-se de uma emigração muito “masculinizada”, com predominância de homens, e muito qualificada, com uma componente menos elevada de jovens pós-doutorados. O estudo, que ainda não está completo, identifica as categorias profissionais destas pessoas: engenheiros e técnicos tradicionais, licenciados. “Não é como acontece por exemplo em Inglaterra onde encontramos um número maior de jovens e 20 e poucos anos, 30 anos, que vão à procura de uma nova experiência profissional”. Esta emigração “africana” assume assim características mais “enquadradas”, com uma lógica empresarial e com uma “ligação muito forte a Portugal”, mais pronunciada em Angola que em Moçambique. “Explica-se porque uma parte das empresas são portuguesas, e porque as pessoas mantêm, mais que nos outros sítios, o resto da família em Portugal, muitas vezes sem a perspectiva de a mudar”, assinala Jorge Malheiros. “E surpreendentemente no caso de Angola porque fazem a ‘navette’ Luanda-Lisboa com algu-

ma frequência, às vezes mesmo em termos médios com mais frequência que algumas pessoas que estão em destinos europeus, onde supostamente quer pelo tempo, porque é mais rápido, quer pelo custo, porque há muitas ‘low cost’, seria mais barato”. O estudo permitiu uma compreensão mais apurada do perfil da actual emigração portuguesa -- que se acentua com o desencadear da crise económica de 2010 -, o que a distingue da emigração portuguesa tradicional, para além das diferenças deste fenómeno em destinos diversos, um aspecto particularmente importante. No caso da emigração para as duas maiores ex-colónias africanas, a forte ligação a Portugal também se revelou ao nível das remessas, outra particularidade detectada no inquérito. “Até um período bem recente, porque agora é muito mais difícil ‘remeter’ a partir de Angola, as pessoas faziam uma importante emissão de remessas para Portugal, desde Angola e de Moçambique. Mas de Angola bastante mais, o que justifica os dados do Banco de Portugal que nos dão um crescimento muito significativo do número de remessas de Angola que a transformou na terceira fonte de remessas para o país atrás da França e da Suíça, que têm um avanço grande”, revelou o investigador.

No caso de Angola tornou-se muito rápido encontrar emprego, porque daqui na maioria dos casos as pessoas vão com um emprego acertado a partir. Vão enquadrados numa lógica empresarial”,

Relatório indica que a maioria dos portugueses trabalham em sectores em que a mão-de-obra não é qualificada Os trabalhadores portugueses no Luxemburgo são os mais expostos ao risco de cair na miséria, com um quinto a ganhar menos que o limiar de pobreza, segundo o último relatório “Coesão Social e Emprego”, do instituto de estatísticas do Luxemburgo. De acordo com o Statec, no ano passado 20,7% dos trabalhadores portugueses viviam com menos de 1.716 euros por mês, considerado o limiar da pobreza, num país onde as rendas podem ultrapassar os mil euros. A taxa de risco de pobreza dos portugueses, calculada com base em dados de 2014, diminuiu ligeiramente em relação ao ano anterior, quando era de 22,1%, mas continua a ser superior ao risco da população em geral (16,4%). Esta ligeira diminuição “não tem relevância a nível estatístico, continuando a representar um valor elevado”, explicou à Lusa um dos responsáveis do relatório, Paul Zahlen, recordando que desde 2012 a taxa de risco de pobreza dos portugueses tem sido superior a 20%.

O relatório indica que a maioria dos portugueses trabalham em sectores em que a mão-deobra não é qualificada, auferindo por isso salários mais baixos e estando mais expostos ao risco de pobreza. Com rendimentos médios de 1.989 euros por mês (contra 3.280 no caso dos luxemburgueses), os portugueses têm mais dificuldades para chegar ao fim do mês do que os imigrantes alemães no país (3.232 euros/ mês), franceses (3.031 euros), belgas (2.926 euros) e italianos (2.823 euros), segundo dados do relatório. Para o responsável do estudo, o risco de cair em situação de pobreza depende “em grande parte” do custo da habitação no Luxemburgo, um dos mais elevados da Europa. “Sem resolver este problema, as pessoas com baixos rendimentos correm o risco de cair na pobreza”, disse. Em Abril deste ano, o caso de uma família portuguesa a viver em condições insalubres na capital luxemburguesa, denunciado pela televisão alemã ZDF, levou dois deputados socialistas a questionar o Governo sobre a escassez de habitação social no país. A reportagem mostrava uma mãe portuguesa com três filhos, a viver num apartamento com infiltrações e bolores e apenas um quarto para os quatro, pelo qual a imigrante pagava 850 euros por mês, um caso que os deputados consideraram um exemplo “do problema de alojamento” no país.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidad 17


18 Cultura

Quinta-feira 29 de Outubr a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Teatro

Sergio Ferreira

Grupo Colibrí prossegue temporada bem sucedida no Teatro Santa Fé

‘O Crédito’

O Teatro Trasnocho continua a acolher uma das comédias mais bem sucedidas em Madrid, Buenos Aires, México, Barcelona e Paris, até 13 de Dezembro. Basilio Álvarez e Antonio Delli sobem juntos aos palcos do Teatro Trasnocho para apresentar ‘El crédito’ (‘O Crédito’). Um cliente vai pedir um crédito e o gerente do banco – que parece ter o domínio de tudo – nega-o, de uma forma humilhante e prepotente. As sessões são no Teatro Trasnocho, do Trasnocho Cultural, no centro comercial Paseo Las Mercedes, às sextas às 9:00 pm e aos sábados e domingos às 8:00 pm.

‘Decamerón, o paraíso erótico de Boccacccio’ O Trasnocho Cultural é o palco para a obra ‘Decamerón, o paraíso erótico de Boccacccio’, numa adaptação de Ricardo Nortier, que se apresenta até 11 de Dezembro. Com um estilo narrativo que mistura a comédia com a crua realidade, o director brasileiro apresenta-nos um texto marcado pelo desespero da crise medieval trazido ao mundo contemporâneo e que submerge o espectador em dois cenários: O paraíso de Boccaccio e o inferno de Dante. As sessões são às sextas e sábados às 7:00 pm e domingos às 6:00 pm.

‘Menguada, la hora’ O Teatro Santa Fe apresenta até 8 de Novembro a peça ‘Menguada, la hora’, original de Cesar Eduardo Rojas. Trata-se de um belo reflexo da realidade da Venezuela de início do século XX, escrita originalmente pelo reconhecido novelista Rómulo Gallegos. Nesta obra, a solidão, a honra, a maternidade, a inveja, a traição, a esperança e os conflitos gerados pela moral e os bons costumes de uma época hipócrita da nossa história jogam um papel fundamental. Estará em cartaz no Teatro Santa Fe aos sábados às 7pm e domingos às 6pm. As entradas podem ser adquiridas em www. ticketmundo.com.

Sergio Ferreira Soares

Cinco luso-descendentes figuram na peça de José Manuel Ascensão. A Sala Principal do Teatro Santa Fé exibe casa cheia numa nova temporada do bem sucedido musical infantil ‘Aladino Y Su Lámpara Maravillosa’ (‘Aladino e a sua lâmpada maravilhosa’), com as talentosas crianças e adolescentes do grupo de Teatro Colibrí, com direcção e produção geral de José Ma-

nuel Ascensão, numa obra escrita por Carmelo Castro. O Grupo Colibrí, com 23 anos de trabalho ininterrupto, destacase como uma das companhias mais reconhecidas no âmbito do teatro infantil e juvenil, e esmerouse em produzir peças para desfrute de toda a família, plenas de magia, cor, música e diversão, que são referência no que diz respeito ao movimento cultural, a par da contribuição para a formação integral de crianças e adolescentes em matéria de representação. E agora pela mão da peça ‘Aladino

Teatro

“As aventuras dos piratas” chega ao final do ciclo Sergio Ferreira Soares

O luso-descendente Dairo Piñeres é o director da peça. O Grupo Teatral Séptimo Piso regressa aos palcos com uma das suas peças infantis de maior êxito, “As Aventuras dos piratas”, um original de Yovanny Durán, com música de Juan Pablo García e com direcção do luso-descendente Dairo Piñeres. A peça apresenta-se todos os fins-de-semana até 1 de Novembro no Teatro Santa Fé, com sessões aos sábados às 4:30 pm e domingos às 4pm. Trata-se de uma opção atracti-

Coordenadas Teatro Santa Fé, Avenida José María Vargas, Torre del Colegio de Médicos, Santa Fé Norte, Caracas. Venezuela. Telefone (0212) 324.4491.

Y Su Lámpara Maravillosa’, surge esta nova temporada no âmbito da história do jovem e empreendedor Aladino que, através da lâmpada maravilhosa, dispõe-se a procurar um futuro melhor na cidade de Rambambum, junto com personagens encantadores – mais de 20 artistas em palco – que recriam este fascinante conto de As Mil e uma Noites. A peça conta com as representações de Victor Hugo Gomes como o génio Shandal; Ramphis Sierra no papel de Hafí; Joselyn Ascensão como Dirhem; Luis Serrano, que encarna Dan Dán e Tormenta; Jhonathan Romero que interpreta Úmar; Marilyn Ascensão como Marchana, Luis Ledrick como Ibrhaim; conta ainda com a participação dos bailarinos Dayana Ferreira, Luis Ledrick, Ramphis Sierra e Anastasia. A música é de Javier Blanco e as coreografias são responsabilidade de Ramphis Sierra. As sessões são aos sábados às 5:00 pm e domingos às 4:30 pm, nos palcos do Teatro Santa Fé. Para mais informações sobre novidades e projectos do Grupo de Teatro Colibrí e o Teatro Santa Fé, estão disponíveis as redes sociais @ TeatroColibri no Twitter; grupocolibri no Instagram; e @teatrosantafe no Twitter e no Instagram.

va para os mais pequenos da casa, diferente e emocionante, cheia de tesouros, barcos, piratas e bucaneros. Nestas aventuras há papagaios que tagarelam, donzelas raptadas, piratas temíveis e piratas torpes, assim como galãs, sereias e bruxas, que marcam presença para contagiar-nos com as mais electrizantes melodias. Um peculiar grupo de piratas e o seu capitão Buck navegam pelos mares em busca de aventuras e tesouros. Nesta travessia, deverão enfrentar os temíveis bucaneros, os seus eternos rivais. O tom de valentia da peça estará a cargo de Anne Bonny, uma pirata cheia de coragem, e Jhon, um pirata singular, galante e distraído que dará à história uma volta divertida numa viagem cheia de bruxas, sereias e donzelas em perigo. Esta história conta com um elenco formado por jovens do Grupo Teatral Séptimo Piso: Christopher Hernández, Joel Sojo, Nelson Algueida, Bárbara Mijares, Kellymar Velaides, Nelsy Avile, entre outros.

Ommyra Moreno

Caracas Biodiversa O Centro de Arte de El Hatillo será o palco da apresentação das fotografias vencedoras do concurso Caracas Biodiversa, através do qual foram capturadas imagens da natureza na cidade. As fotos envolvem plantas, aves, anfíbios, répteis, insectos e demais espécies da capital. A exposição fotográfica poderá ser desfrutada graças ao apoio da FotoArte, Río Verde, La Terraza, Al Aire Libre, Venezuela Tuya e da Alcaldía de El Hatillo. Entrada livre Data: Sexta, 6 de Novembro às 6:00 pm Local: Sala Múltipla do Centro de Arte de El Hatillo, Caracas.

Ioga em Morrocoy De 6 a 8 de Novembro, o Parque Nacional Morrocoy será o cenário do retiro de ioga planeado pela Violeta 360. Para além de práticas de ioga, estão planeados passeios pelos ‘cayos’, caminhadas, ‘paddle’ e práticas de ‘snorkeling’. O pacote inclui comida, deslocações, hospedagem, palestras de meditação, aulas, oficinas de ioga e várias surpresas. Os interessados em participar podem contactar a organização através do endereço productora.violeta@gmail. com. Data: De 6 a 8 de Novembro. Local: Parque Nacional Morrocoy

Exposição ‘Post Pretérito’ em La Caja La Caja, situada no Centro Cultural Chacao, exibirá a exposição ‘Post Pretérito’ da artista venezuelana Nela Ochoa, sob a tutela e museografia de Lorena González e Matilde Sánchez. “Esta exposição começou já com o título ‘Post Pretérito’, é como um futuro negado, gira um pouco em redor da impossibilidade de fazer as experiências científicas e genéticas que um cientista louco pudesse inventar”, explica a artista. A exibição estará aberta a todo o público até 15 de Novembro. Entrada Livre Local: La Caja.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 19


20 Cultura

Quinta-feira 29 de Outubr a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Cinema

Sergio Ferreira

Actividade Paranormal: A Dimensão Fantasma Desta vez, a história gira em torno da jovem família Fleege, que se mudou de Nova Iorque para a Califórnia porque o pai, Ryan, teve uma oferta de trabalho como ‘developer’ de Rockstar no jogo de GTA. Ryan e a sua esposa Emily têm uma filha chamada Leila. Os três viverão na sua nova casa na Califórnia perto do irmão mais novo de Ryan, Mike, que vive na casa do lado. A família de Ryan, e principalmente a sua pequena filha, serão testemunhas da inquietante presença que se manifesta em casa.

O Clã A história é baseado no caso policial do Clã Puccio, que comoveu a sociedade argentina no início dos anos 80. Por detrás da fachada dos Puccio, uma típica família do tradicional bairro de San Isidro, escondese um sinistro clã dedicado ao sequestro e assassinato. Arquímedes, o patriarca, lidera e planeia as operações. Alejandro, o filho mais velho, estrela de um clube de rugby e jogador dos míticos Los Pumas, submete-se à vontade do pai para identificar possíveis candidatos e serve-se da sua popularidade para não levantar suspeitas.

A Perseguição Madec, um homem milionário sem escrúpulos, sai para a caça no deserto de Mojave com o seu jovem guia, embarcando numa expedição excitante e perigosa. Depois de um desafortunado acidente, Madec decide que a única maneira de sair do local intacto é assegurando que Ben não consegue escapar do deserto. Como um jogo entre o gato e o rato, A Perseguição é uma nova versão do confronto entre David e Golias mas ambientada no deserto e com o tema da caça como pretexto. Nesta caça, um desloca-se a pé e outro faz-se transportar numa fortaleza de quatro rodas.

Jesus Nunes promete muitos risos com ‘’Amor cuesta arriba’’

Recomendações musicais Os temas mais ouvidos em Portugal…

Sergio Ferreira Soares

A nova comédia romântica na qual actua o luso-descendente estreia a 30 de Outubro Na sexta-feira, 30 de Outubro, chega às salas de cinema venezuelanas a primeira comédia romântica feita no país e intitulada ‘’Amor Cuesta Arriba’’. O luso-descendente Jesús Nunes, conhecido pela sua participação em numerosos comerciais e obras de teatro, protagoniza esta ópera prima do director Nelson Núñez, que também actua como guionista juntamente com José Luis Varela e Amelia Nieves, sob a produção da Fundação Villa del Cine. A película conta a história de Pablo (Jesús Nunes), um solitário, melancólico e pouco agraciado jovem que passa desapercebido ante as raparigas e mantém viva a recordação do seu grande amor platónico da adolescência, Daniela; que uma certa noite é arrastado pelo seu melhor amigo, o ‘bochinchero’ empedernido Fernando na festa de reencontro do colégio e encontra-se com ela depois de 15 anos sem a ver. Em pouco tempo descobre que a mulher que idealizava converteu-se numa “rapariga

Música

má”, mas isto não trava o seu desejo de a conquistar e esse sentimento amoroso desencadeia uma série de situações absurdas, incómodas e graciosas que prometem diversão ao público, salpicadas com humor crioulo. “É uma comédia romântica na que, apesar de soar a cliché, através do amor vamos a rir-nos de nós próprios. O amor é a desculpa ou a via para lograr os sonhos das personagens e saber que somos capazes de fazer e ate onde podemos chegar”, disse Nunes. A rodagem foi conduzida em distintos lugares da grande Caracas, tais como San Bernardino, Antímano, Sábana Grande, 23 de Enero, Guarenas e Guatire. A história mistura humor com romance e uma série de emoções encontradas

Fer da Silva apresenta ‘La canción que te escribí’ Sergio Ferreira Soares

O tema é o segundo single deste cantor lusovenezuelano. Depois do êxito obtido com o seu primeiro single, ‘Virgen de la Calle’, o actor e cantor luso-venezuelano Fernando da Silva, mais conhecido como Fer, estreia o segundo tema promocional, intitulado ‘La canción que te escribí’. O tema acompanhará cada noite da televisão crioula no drama juvenil

seguir nas redes sociais @amorcuestarriba @amorcuestarriba que origina uma travessia para os personagens, que os levará a testar valores, sentimentos e a capacidade de perdoar no confuso caminho para o amor verdadeiro. Nunes comparte elenco com Vera Linares (Daniela), Augusto Nitti (Fernando), Ivonne Vela (Victoria), Gladys Prince (Tatiana), Gilbert Lamourd (Fortuné) e a participação especial de Alberto Alcalá, Luis Rivas, Martha Track, Caludio De La Torre, o comediante Ramón Hinojosa e Toco Gómez, actor emblemático do cinema nacional.

da telenovela ‘Amor Secreto’, transmitido pelo canal Venevisión. Com este novo lançamento, Fer da Silva procura mostrar-se como um artista mais adulto, e combinar a música com a pintura. O tema ‘La canción que te escribí’ foi gravado entre Caracas e Miami em duas versões: Uma pop latino, produzida pelo vencedor do Grammy Jonathan García, e uma ao ritmo da ‘bachata’, produzida por Juan Miguel Dell Orco. De acordo com o artista, trata-se de uma canção escrita para que a audiência possa identificar-se e sentir que foi criada para a pessoa que ama; fala de uma história de amor e de como alguém pode ser fonte de inspiração. “Como compositor, acontece muito que me chegam pessoas que me dizem que gostariam de poder escrever uma canção ao amado; amo escrever canções e isso foi o que quis conseguir com esta composição”, disse.

“El Perdon” / Nicky Jam & Enrique Iglesias “Locked Away” / R. City & Adam Levine “Reality” / Lost Frequencies & Janieck Devy “What Do You Mean?” / Justin Bieber “Nao Faco Questao” / D.A.M.A. & Gabriel O Pensador

... e na Venezuela

“Callate y Besame” / Los3 “Como Yo Te Quiero” / El Potro Alvarez Y Yandel “Ojitos” / Sixto R, El Potro Y Farruko “Santa De Mi Devocion” / Alexis Y Fido “Borro Cassette” / Maluma


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidad 21


22 Cultura Lifestyle

Quinta-feira 29 de Outubr a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Folclore

Quatro grupos lusos no Festival de Danças Folclóricas Internacionais Sergio Ferreira Soares

Desta feita, o grupo organizador é o galego “Danzas Lembranzas” 5 truques básicos de estilo para homens Ommyra Moreno Suárez Fonte: Publico.pt

Descubra se a sua roupa lhe fica bem Se consegue ver as meias quando dá alguns passos, as suas calças estão muito curtas. As calças devem tocar a parte de cima dos sapatos, até aos tornozelos. Se há mais de uma ruga completa, as calças estão demasiado largas. Tire proveito do clima A roupa escura oculta muito melhor as gotas de água e salpicos. Assim que o céu fique nublado, escola umas calças azul marinho... e não se esqueça do guarda-chuva. Jogue com as suas proporções Misture roupas justas e soltas. Tente usar um casaco ligeiro com calças mais justas ou uma camisa justa com calças mais largas. O contraste terá como resultado um estilo sofisticado que não parecerá demasiado descuidado. Branquear os dentes Não tem de ser muito caro. Pode fazê-lo você mesmo: Faça uma pasta com bicarbonato de sódio (uma colher pequena) e água oxigenada (cinco gotas). Aplicar nos dentes frontais, espere 15 minutos e escove. Ressalte a sua cor natural Vista-se com todos os tons que acentuem as suas cores naturais. Se os seus olhos são claros, use camisas que combinem com eles. Olhos cor de café? Escolha uma cor que complemente o seu tom de pele. Os tipos de pele mais escura são insuperáveis em branco e tons creme. As peles bronzeadas dão-se melhor com azul escuro, verde escuro, negro e amarelo. A pele clara vai bem com tons café, café claro e tons azuis.

Uma verdadeira festa cultural deverá ser celebrada nas instalações da Hermandad Gallega de Venezuela, no sábado, 14 de Novembro, quando o clube de Mariperez acolher a XXXVI Edição do Festival de Danças Folclóricas Internacionais. Nesta ocasião, o grupo organizador é o galego “Danzas Lembranzas”, que desde já promete oferecer um encontro à altura de todos os participantes em representação de várias nações. A portugalidade estará representada neste festival graças à actuação de quatro grupos representativos de diferentes regiões lusas: o Grupo Folclórico Centro Português, representará a Portugal-Caracas; o Rancho Folclórico Saudades da Casa VenezuelanaPortuguesa, Portugal-Valência; o Grupo Folclórico do Centro Social Madeirense, a ilha da Madeira; e o Grupo Folclórico Internacional Luso do Centro Marítimo da Venezuela, o arquipélago dos Açores.

Artes

Desde já foi possível saber que o Grupo Folclórico Centro Português, dirigido por Manuel Marques, com o apoio de Humberto Pestana e Jessica De Nóbrega, apresentará uma emotiva peça que faz referência à época dourada da emigração, na qual as mulheres e crianças despediam-se dos homens nos portos. A proposta, que promete surpreender o público pela sua frescura e originalidade, conta com o apoio de alguns folcloristas que passaram por outras grupos, como o Grupo Folclórico Centro Sociocultural Vir-

IPC inaugurou exposição dedicada a Lisboa Sergio Ferreira Soares

Exposição “Lisboa, a capital de Portugal” apresenta um a visão muito pessoal do fotógrafo Héctor Armando Vivas Gonzalez O Instituto Português de Cultura (IPC), com o apoio da Direcção de Cultura do Centro Português, em Caracas, promoveu uma nova exposição intitulada “Lisboa, a capital de Portugal”, que apresenta um a visão muito pessoal do fotó-

gem de Fátima, o Rancho Folclórico Costumes e Tradições de Portugal e o Grupo Folclórico Renascer Lusitano. No total serão 31 pessoas sobre o cenário. Nesta ocasião, o grupo organizador do festival é galego “Danzas Lembranzas”, que também promete promover um encontro à altura de todos os participantes. Sabe-se que a Direcção de Cultura da Hermandad Gallega de Venezuela e o grupo organizador esperam contar com a presença de “Gaélica”, que encerrará com chave de outro as apresentações folclóricas.

grafo Héctor Armando Vivas Gonzalez. A mostra foi inaugurada na passada sexta-feira, 23 de Outubro, pelas 8:00pm, na área do Cantinho da Cultura do centro social, que está situado no sector Macaracuay, na zona este de Caracas. Composta por 22 impressionantes fotografias da capital portuguesa, a exposição procura transmitir a visão única do autor sobre a forma como viveu a sua aproximação à cidade de Lisboa. Para o Instituto Português de Cultura, a promoção desta mostra resulta fundamental como parte das suas linhas de acção, missão, visão e valores. Recordemos que a Fundação Instituto Português de Cultura é uma organização não governamental que tem por objectivo a difusão da Cultura Portuguesa na Venezuela, na medida em que resulta um valor indispensável para reafirmar a identidade nacional dos portugueses num mundo cada vez mais globalizado.

A ‘movida’ europeia na Venezuela Cinema Animado Pelo sexto ano consecutivo celebra-se, na Venezuela, a Festa de Cinema Animado ANIMANDINO 2015, que começou a 22 e termina a 31 Outubro. Tratase de um evento patrocinado pelo Institut Français em parceria com a Associação Francesa de Cinema Animado AFCA, e a nível nacional pela embaixada da França, a Aliança Francesa e a Associação Nacional de Autores Cinematográficos, ANAC. Nesta edição, poderá ser visto de novo um ciclo de nove curtas e cinco longas-metragens com o inigualável estilo da animação à francesa.

Cinema Espanhol Como parte da programação do Festival de Cinema Espanhol 2015, organizado pela embaixada de Espanha, Gran Cine e Queiroz Publicidad, será oferecida uma programação com o apoio da Cultura Chacao, que contempla projecções na Sala Cabrujas de Los Palos Grandes às quintas-feiras, tendo começado no passado dia 22 e prolongando-se a 5, 12 e 19 de Novembro, às 6:00 p.m; na Praça Bolívar de Chacao, no dia 7 de Novembro, e na Praça Altamira no próximo domingo, dia 1, às 6:30 pm.

Contacto com Europa O programa de rádio da União Europeia na Venezuela continua a dar que falar todos os domingos, das 6 às 7 pm, através da PlayFM 95.5. Também pode ser ouvido em www.playfmnetwork.com. Neste espaço radiofónico são dadas informações políticas, institucionais, económicas, ambientais e culturais da actualidade europeia, para além de dar a conhecer as actividades desenvolvidas pela Delegação da UE na Venezuela, das embaixadas e institutos culturais dos Estados membros, assim como os projectos de cooperação da UE com a Venezuela.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 23


24 Opinião

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Finanças pessoais instantâneas

O fluxo de caixa como apoio no teu negócio

Isabel Idarraga

Andreína está decidida a abrir a sua própria agência de publicidade no prazo de um ano e conta com uma sócia, sua companheira de trabalho e amiga, Regina. Ambas estão imersas na elaboração de um plano de negócios para aferir a viabilidade da sua ideia e, como parte do mesmo, participam na preparação de um fluxo de caixa. Nesse momento perguntam ao seu assessor acerca do uso que se pode dar a todos esses números. O fluxo de caixa indica as entradas e saídas de dinheiro na organização de um dado momento. As receitas são originadas pelas vendas, os contributos de emprés-

timos financeiros, de terceiros ou de sócios, e as despesas são conformados pelas compras de matéria-prima, mão de obra, gastos de administração e vendas, apólices, impostos, gastos financeiros, pagamentos de empréstimos e de dividendos aos sócios Na sua preparação, os responsáveis da empresa são forçados a rever, conhecer e compreender as cifras resultantes da gestão da e organização; inclusivamente devem fazer um exercício para o futuro para projectar os resultados no curto e médio prazo de forma a utilizar esta informação para planear as acções a tomar em cada um dos ce-

nários possíveis. Enquanto o fluxo de caixa é negativo, a gerência ocupa-se de procurar recursos para executar as operações próprias da companhia de maneira de manter-se no mercado. Enquanto que em épocas de excedente de capital, o momento é propício para executar investimentos, bem seja para ampliar o negócio ou para entrar em novos segmentos de mercado. Ante a estimativa de um fluxo de caixa negativo, aplicam-se medidas como suspender novos projectos, vigiar a qualidade do serviço, detectar possibilidades de negócios na carteira de clientes

existentes, explorar novos mercados, rever os gastos, negociar preços com fornecedores e clientes, cuidar do ciclo de cobranças e a utilização do capital, controlar os inventários. Uma vez culminado o exercício de elaboração do fluxo de caixa, Andreína E Regina dão-se de conta que a visão do seu empreendimento é diferente. Reconheceram variáveis não consideradas na sua ideia inicial e aprenderam que contam com um instrumento capaz de mostrar com certa antecipação, as distintas circunstâncias que afectarão a empresa, o que lhes permitirá tomar as melhores decisões.

maneira de evitar que essa mesma gente seja deslocada desde onde está agora pelas razões que todos, sem excepção já sabemos, apesar de que essa pequena minoria, não seja capaz de reconhece-lo em público, mas só em círculos privados. Enquanto o heróico país produtor insiste no trabalho fecundo e constante, simultaneamente e pouco a pouco vão caindo as máscaras que culminarão no final do pesadelo. O alento incansável de uma Venezuela que respira evolução já pode sentir-se no ambiente. As mudan-

ças na vida política das nações são imparáveis e nenhum regime na história, por mais poderoso que tenha sido, pôde deter o empurrão da gente progressista. Todos, sem excepção, cederam ante a força da evolução e da procura de uma melhor qualidade de vida. Assim tem sido e assim continuará sendo porque não existe a possibilidade para voltar atrás. Etapas que inexoravelmente se cumprem na história da humanidade.

altatribuna

Com o tempo compreendes

Antonio López Villegas

Com o tempo compreendes que os heróis não existem apenas na ficção do cinema. Também os há nesta dura realidade que padecemos todos os venezuelanos desde há algum tempo. Esses heróis somos nós, que temos podido enfrentar tantas calamidades para não nos ajoelharmos ante tantas tristezas e miséria. Não deixamos o país. Quiçá a melhor desculpa é que amamos esta “terra de graça”. E que também sabemos que a plenitude total de viver em liberdade é uma realidade que devemos con-

quistar apesar da ignorância de alguns que ainda apoiam esta classe política sem um rasgo de ética. A glória e a paz também se conquistam e isso estamos fazendo pouco a pouco os amantes da liberdade. Não há maneira de que, apesar de tanta propaganda através dos meios do estado, que são quase todos, nos consigam desviar do foco que a maioria já segue. Esse foco é poder viver em democracia e em plena liberdade. É uma obsessão instalada no mais profundo das nossas mentes. Tampouco há

O CORREIO da Venezuela não pode ser considerado responsável e/ou patrocinador das opiniões que são expressas neste espaço.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 25


saúde em día

26 MISCELÂNIA

Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015 | Correio da Venezuela

Como actuar ante uma intoxicação alimentar

Pensa Verde Carla Salcedo Leal

Correio da Venezuela

Os principais sintomas da intoxicação alimentar são vómitos, diarreia, náuseas, dores abdominais, febre, dores de cabeça, calafrios, dores musculares, fraqueza, desconforto geral. Como se diagnosticam as intoxicações alimentares? O diagnóstico passa pela história clínica e pelo exame médico. Poderá ser importante a obtenção de uma amostra de fezes ou vómito para verificar se existe sangue ou muco. Essa amos-

tra será enviada também para o laboratório onde serão efectuados exames para descobrir a causa exacta da intoxicação alimentar. Também poderá ser necessária uma amostra de urina para ver se existe infecção. Em alguns casos, poderá ser útil uma TAC ou uma radiografia abdominal e possivelmente análises ao sangue para se despistarem outras doenças. Como se tratam as intoxicações alimentares? A maioria dos casos de intoxicação alimentar

melhora no espaço de dias sem ser necessário consultar um médico. No entanto, deve-se procurar ajuda médica se a doença durar mais do que alguns dias ou se as fezes contiverem sangue ou muco amarelo ou verde, ou em caso da intoxicação afectar mulheres grávidas, pessoas idosas ou bebés. Em alguns casos, poderão ser receitados antibióticos para determinados tipos de infecção bacteriana. O período de recuperação depende do tipo de infecção, da idade e condição física. É importante não ingerir outros alimentos enquanto os sintomas persistirem. O estômago deverá repousar cerca de uma hora após vomitar, devendo-se beber pequenas quantidades de água. De facto, a hidratação é um componente essencial no tratamento destas situações. É também importante manter a higiene pessoal para evitar passar a doença a terceiros.

Sabia que…? Carla Salcedo

O ar também pode matar

Atrevo-me a dizer que nós, seres humanos, estamos muito mal informados sobre os danos que temos provocado no Planeta, e sobre a conta que nos está a ser enviada por tudo o que temos ignorado. Pode ser que considere que ainda podemos salvar as coisas, e que não importa se hoje não reciclamos, no próximo ano dá tempo começar, sem problema. Talvez nem entenda bem porquê que há tanto burburinho em torno das emissões de CO2 dos carros na Europa, mas o certo é que cada dia que passa torna-se mais evidente que não só doenças infecciosas como a SIDA, a cólera ou a malária nos estão a matar. Tudo isto se deslocou para o próprio ar que respiramos,

O que talvez não saiba acerca dos furacões Recentemente formou-se o maior furação alguma vez registado pela humanidade e tocou ao México recebe-lo sob o nome de Patrícia, e ainda que temporada de furações tenha passado quase ao lado, desta vez criou a oportunidade para procurarmos saber algumas curiosidades acerca deste fenómeno meteorológico. Comecemos por dizer que o termo furação provem do deu da mitologia maia com o mesmo nome, que era um dos deuses criadores do mundo e controlava os ventos, o fogo e as tempestades. Ao furacão Patrícia foi a atribuída a categoria 5, o nível máximo na escala Saffir-Simpson, apesar de ter apresentado características que ultrapassaram todas as classificações pré-estabelecidas, incluindo as ondas de 12 metros que gerou. Durante algum tempo pensou-se que o centro constituía a parte mais caótica do furacão. Mas é muito calma. Se estivéssemos no seu epicentro poderíamos ver toda a destruição à nossa volta, já que os ventos que se encontram bordeando o olho do mesmo sãos os mais fortes. Ao contrário do que muitos

esse mesmo que acaba de inalar enquanto Deus permitir. É que a contaminação atmosférica está a causar mais de três milhões de mortes prematuras por ano. Este número está um milhão acima das mortes por doenças infecciosas sem cura... A poluição causada pelo ozono e as partículas contaminantes finas, que são aquelas que têm menos de 0,0025 milímetros de diâmetro, estão directamente associadas com a origem de doenças graves que têm um impacto a longo prazo na saúde, e isto torna-se num problema na Ásia, para além de que os cientistas advertiram que a continuarmos assim, o número poderá duplicar nos próximos 35 anos.

segredos de cozinha

Bifes de Frango no Forno

Receita por: Joana Isabel Sousa Prato elaborado por: Sub-Chefe Silvio Rodrigues - Four Views Hotels

pensam, os furacões nunca se formam Equador, devido a que a força de Coriolis ser muito débil e os furacões precisam dela para poder girar. E falando de rotações, no hemisfério estas seguem o sentido das agulhas do relógio, e contra no hemisfério norte. Cristóvão Colombo escreveu o primeiro relatório oficial conhecido sobre furacões, em 1495, apesar de que no ano 1281 haver registo de um furacão ter acabado com as vidas de cerca de 100 mil mongóis que invadiam o Japão. Os japoneses agradeceram aos seus deuses pelo vento divino que os salvou. O mais mortal da historia foi o furacão Bhola, que atingiu o Ban-

gladesh, em 11 de Novembro de 1970. Estima-se que terão pedido a vida entre 150 mil a 300 mil pessoas. O mais mediático foi o Katrina, que em 2008 cobrou a vida de 1800 pessoas e provocou prejuízos de cerca de 80 biliões de dólares nos Estados Unidos. A primeira pessoa dar um nome ao um furacão foi o australiano C. Wragge. No entanto, todos os anos é preparada uma lista com os nomes que serão dados aos furacões que venham formar-se ao longo da temporada, e as listas são repetidas a cada 6 anos. Incluem um nome por cada letra do alfabeto e alternam entre nomes masculinos e femininos.

Ingredientes

>> 6 bifes de frango fininhos >> sal a gosto >> 2 dentes de alho >> limão >> queijo ralado (a gosto)

Preparação • • • • •

Tempera-se os bifes com sal, alho picado e sumo de limão e deixase repousar cerca de 15 minutos. Passar depois por ovo batido e pão ralado. Untar ligeiramente um pirex com margarina e dispor os bifes. Regar com um pouco de azeite e levar ao forno a cozer. A meio da cozedura abrir o forno e deitar o queijo ralado por cima para gratinar cerca de 5 minutos. Guarnecer com rodelas de limão e acompanhar com batata assada ou arroz branco.


Publicidade 27

J-00360930-7

Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

4ta. Transversal, entre A. Andr茅s Bello y Alfredo Jhan. Urbanizaci贸n Los Palos Grandes, Caracas, ZP 1060


26 28 Desporto

30 de Outubro a Quarta-feira 46 de Novembro de 2015 2014 | Correio da Venezuela Quinta-feira 29

Portugal

I Liga

Sporting goleia Benfica e sobe ao primeiro lugar

Taça da Liga inglesa

Sheffield Wednesday de Carlos Carvalhal elimina Arsenal

CORREIO/LUSA CORREIO/LUSA

Em menos de 30 minutos, o Sporting marcou três golos ao bicampeão nacional O Sporting viveu, no passado 25 de Outubro, uma noite histórica, vencendo o Benfica pela primeira vez em nove anos no Estádio da Luz e beneficiando do empate do FC Porto para subir ao primeiro lugar da I Liga de futebol. Em menos de 30 minutos, o Sporting marcou três golos ao bicampeão nacional, através de Teo Gutiérrez (09), Slimani (21) e Bryan Ruiz (36), sentenciou o dérbi da oitava jornada, garantiu a primeira vitória na Luz em nove anos – em 2006, venceu por 3-1 - e impôs a primeira derrota caseira aos ‘encarnados’ desde 2 de Março de 2012, dia em que o FC Porto venceu por 3-2 em Lisboa. Diante de cerca de 65.000 espectadores incrédulos, os ‘leões’ igualaram ainda a maior vitória para o campeonato de futebol no estádio do Benfica (4-1 em 1938/39 e 1947/48) e subiram, então, provisoriamente ao primeiro lugar do campeonato português. Mas a alegria ‘leonina’ seria redobrada quando o FC PortoSporting de Braga terminou no Estádio do Dragão, com um 0-0 no marcador.

O Sporting venceu e convenceu na visita ao estádio da Luz. FOTO DR

O empate a zero atrasou os ‘dragões’ na luta pelo primeiro lugar, deixando o Sporting isolado na liderança com 20 pontos, mais dois do que o FC Porto, que é segundo à frente do Rio Ave, que tem 15, e do Sporting de Braga, que soma 14. O Benfica, que tem um jogo em atraso, é apenas oitavo, com 12 pontos. Por ironia, domingo dividiu-se entre os pólos opostos da tabela classificativa. Se ao início da noite foram os ‘grandes’ a fazerem acelerar os corações, ao final da tarde o protagonismo coube aos ‘aflitos’ Tondela, que conquistou o primeiro ponto como visitante no empate 1-1 com o Arouca, e Moreirense, que prolongou o seu descalabra-

do ao perder 2-0 em casa com o Vitória de Setúbal. Na estreia de Rui Bento, os tondelenses ‘entregaram’ uma prenda ao seu novo técnico, empatando em Arouca e permanecendo à tona da linha de água, na 16.ª posição, com cinco pontos, apesar da expulsão de Dolly Menga já em período de compensação. Romário Baldé, aos 48 minutos, deu vantagem ao Tondela, mas Ivo Rodrigues fixou o empate, aos 60, deixando o Arouca no nono lugar da classificação, com 11 pontos. Protagonista pela negativa continua a ser o Moreirense que, em casa, mostrou novamente por que lidera ‘liga dos últimos’, ao ser derrotado por 2-0 pelo Vitória de Setúbal.

Jogo particular

Rússia-Portugal em Londres a 13 de Novembro CORREIO/LUSA

Encontro vai ser jogado em Craven Cottage, estádio do Fulham

A selecção portuguesa vai defrontar a Rússia, num encontro particular, a 13 de Novembro, em Londres, anunciou, segunda-feira, 26 de Outubro, a Federação Russa de Futebol no seu sítio oficial na internet. De acordo com o organismo russo, o encontro com Portugal vai ser jogado a 13 de Novembro,

às 19:45, em Craven Cottage, estádio do Fulham, em Londres, quatro dias antes de o conjunto de leste defrontar a Croácia, em Krasnodar, também num encontro de preparação. A Federação Portuguesa de Futebol já tinha anunciado que iria realizar um particular no Luxemburgo, a 17 de Novembro.

O Sheffield Wednesday, equipa do ‘Championship’ (segunda divisão) treinada pelo português Carlos Carvalhal, apurou-se, terça-feira, 27 de Outubro, para os quartos de final da Taça da Liga inglesa de futebol com uma inesperada vitória sobre o Arsenal, por 3-0. Em Hillsborough, depois de já ter deixado pelo caminho o Newcastle, a equipa comandada por Carvalhal voltou a surpreender, desta vez com um contundente triunfo sobre os ‘gunners, com Lucas João a marcar um dos golos da formação caseira. Perante um Arsenal sem algumas das suas principais figuras, o avançado luso fez o segundo

tento dos ‘Owls’, aos 40 minutos, depois de Wallace ter aberto o marcador, aos 28, enquanto Hutchinson confirmou a vitória da equipa nona classificada da Championship, aos 52. O defesa português José Semedo entrou na segunda parte no Sheffield Wednesday, enquanto Marco Matias falhou o duelo com os londrinos devido a lesão. O duelo entre Stoke City e Chelsea (1-1), detentor do título, foi para prolongamento, assim como o Everton-Norwich (1-1) e o Hull City-Leicester (0-0). Nos oitavos de final da Taça da Liga inglesa ainda faltavam disputar os jogos Liverpool-Bournemouth, Southampton-Aston Villa, Manchester City-Crystal Palace e Manchester United-Middlesbrough.

Carlos Carvalhal continua na mó de cima no futebol inglês. FOTO DR

Jogos da 4.ª eliminatória da Taça de Portugal Este é o programa da quarta eliminatória da Taça de Portugal em futebol e os jogos estão agendados para 22 de Novembro: Farense (II) -- Sporting Braga (L). Sporting (L) -- Benfica (L). Trofense (CNS) - Académica (L). Nacional (L) - Cova da Piedade (CNS). Atlético da Malveira (CNS) - Feirense (II). Benfica e Castelo Branco (CNS) - Gil Vicente (II). Desportivo das Aves (II) - União da Madeira (L). Fafe (CNS) - Penafiel (II). Portimonense (II) - Belenenses (L). Paços de Ferreira (L) - Rio Ave (L). Casa Pia (CNS) - Vitória de Setúbal (L). Boavista (L) - Operário (CNS). Arouca (L) - Desportivo de Chaves (II). Caldas (CNS) - Estoril-Praia (L). Angrense (CNS) - FC Porto (L). Amarante (CNS) - Marítimo (L). Nota: Distritais (D), Campeonato Nacional Seniores (CNS), II Liga (II), I Liga (L).


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 29


26 30 Desporto

30 de Outubro a Quarta-feira 46 de Novembro de 2015 2014 | Correio da Venezuela Quinta-feira 29

Venezuela

clubes

CSM promove intercâmbios desportivos no 37.º aniversário Carla Salcedo Leal csalcedo@correiodevenezuela.com

Futebol e softball são as modalidades escolhidas para a celebração

Celebração para os mais pequenos Depois do anúncio, também se deu a conhecer que no Centro Social Madeirense está a ser preparado uma celebração para o “Festival de Futebol Sub-7” nas suas instalações. Este evento está aberto às delegações de futebol com jogadores nascidos entre 2009 e 2010, e espera contar com a participação de pelo menos oito equipas. Entre os que já confirmaram a participação está uma delegação do Centro Luso Larense. O “Festival de Futebol Sub-7” será celebrado no domingo, 28 de Novembro.

No quadro da celebração dos 37 anos de existência do Centro Social Madeirense de Valência, a Comissão de Desporto, através do seu director Omar Rojas, e com o apoio logístico de Wilson Rodríguez, director de desportos da Feceporven, convocaram a realização de quadrangulares amistosos com a finalidade de promover o reencontro entre velhas amizades de diferentes clubes. A convocatória, que foi anunciada para o domingo, 15 de

Torneio Preparação

La Guaira continua imparável Sergio Ferreira Soares

Golos de Ángel Osorio e Matías Manzano mantém os ‘salados’ no primeiro lugar A 15.ª jornada do Torneio Preparação arrancou no sábado, 24 de Outubro, no estádio Olímpico de Caracas, com a vitória do Deportivo La Guaira por 3-2 ante o Estudiantes de Mérida, com dois golos de Ángel Osorio e um de Matías Manzano. Os ‘litoralenses’ somaram 31 pontos e continuam agarrados à liderança. O conjunto do litoral entrou em campo com uma equipa alternativa e procurou passar no último exame antes da final da Taça da Venezuela, que disputará frente ao Deportivo Lara. Quando o relógio marcava o minuto três, Ángel Osorio brilhou com uma grande acção individual que

Novembro, já conta com a confirmação da participação da Casa Portuguesa de Aragua, Casa Portuguesa Venezuelana de Valência, Centro Luso Larense, Sporting Club Caracas, e Centro Luso Venezuelano de Acarigua, que estão empenhados em dar o melhor no quadrangular de futebol para maiores de 50 anos e de softball, para maiores de 60 anos. Este evento arrancará às 9 da manhã, com um par de encontros entre as equipas a sortear, e os vencedores passarão à final.

terminou em golo. No minuto 11, José Manríquez centro pela direita e encontrou Ángel Osório, que logrou desviar a bola de cabeça para o fundo da baliza pela segunda ocasião. Três minutos mais tarde, o colombiano Over García converteu um pénalti em golo. Quando parecia que o La Guaira ia para o descanso com o marcador a seu favor, o árbitro assinalou grande penalidade a favor dos ‘merideños’ e Over García equilibrou as acções (’45). No minuto 79, Matías Manzano transformou outro pénalti em golo e colocou o conjunto laranja na frente. A jornada prosseguiu no domingo, 25 de Outubro, com o encontro entre o Atlético Venezuela e o Aragua FC. Os de Maracay Aragua conseguiram somar os três pontos no Brígido Iriarte ao vencer por 1-2. Os tentos deste duelo foram assinados por Raúl Vallona e Harol Herrera, que colocaram o marcador em 2-0, nos minutos 47 e 50. Héctor “Tico” Pérez descontou aos 54 pelo Atlético.

Futebol

“SCOUT” promove nova sessão de captação para luso-descendentes

breves Garbiñe é n.º 3 do mundo

A tenista hispano-venezuelana Garbiñe Muguruza, que venceu na segunda-feira, 26 de Outubro, a checa Lucie Safarova no Masters de Singapura, ascendeu ao terceiro lugar do ranking mundial da modalidade, que era ocupado pela russa Maria Sharapova. É melhor classificação de uma jogadora espanhola na classificação WTA depois dos números um e dois que alcançaram, respectivamente, as já retiradas Arantxa Sánchez e Conchita Martínez.

Espada masculina em sexto A equipa integrada por Silvio Fernández, Rubén Limardo, Kelvin Cañas e Francisco Limardo, de espada masculina que representou a Venezuela na semifinal da Copa do Mundo, que se realizou em Berna, Suíça, alcançou sexto lugar do ranking após perder ante a representação checa. A delegação somou 145 pontos na classificação olímpica, enquanto que a delegação feminina, conformada por María Gabriela Martínez, Lizze Asís, Dayana Martínez e Patricia Piovesán, terminou no 15.º posto 15 do Troféu Cartoccio de Itália.

Sergio Ferreira Soares

A “SCOUT - Eventos Desportivos” irá realizar pela terceira vez, em Lisboa, um treino de captação de futebol em Portugal para atletas luso-descendentes ou portugueses que jogam exclusivamente no estrangeiro, nascidos entre 1998 e 2007. Os treinos realizam-se em Lisboa, nos dias 30 e 31 de Julho de 2016. As inscrições são limitadas e serão aceites por ordem de chegada. “Muitos atletas luso-descendentes têm o sonho de poder actuar nos clubes grandes portugueses, mas a maior parte das vezes não chegam a ter sequer a possibilidade de mostrar o seu valor num único treino. Tal como o país, também os clubes de futebol portugueses estão a atravessar grandes dificuldades financeiras, havendo por isso cada vez mais clubes profissionais a apostar no Futebol For-

Souto diz adeus ao ténis mação, dando oportunidades aos seus jovens talentos. É neste contexto que surge este treino, de modo a que os jovens lusodescendentes possam mostrar o seu valor a um grande número de observadores dos diversos clubes profissionais portugueses”, lê-se no convite feito pela empresa que actua na concepção e organização de eventos desportivos na área do futebol. Em 2015, participaram 73 atletas provenientes de 16 países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Brasil, Canadá, Espanha, Estados Unidos, França, Inglaterra, Luxemburgo, Macau, Porto Rico, Suécia e Suíça.

O tenista venezuelano David Souto anunciou, no passado 25 de Outubro, a sua retirada oficial do ténis, através de um comunicado publicado através da sua conta do Instagram (@soutodavid), na qqual deixou claro que a decisão foi tomada com base numa série de factores externos à sua vontade, como a falta de dinheiro e continuadas lesões. O tenista de 23 anos que representou a Venezuela na Taça Davis de 2010, despediu-se escrevendo que o ténis é o desporto que lhe deu tudo o que é, mas que pelos motivos antes expostos não poderá realizar o seu sonho de manter-se como tenista profissional.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 29 de Outubro a Quarta-feira 4 de Novembro de 2015

Publicidade 31


imagens da semana Martinez marca e faz a bola flutuar em ‘truque de mágica’

eles respondem

P r ê m i o Ta l e n t o C o m u n i c a ç ã o S o c i a l 2 0 0 9

¡Buenos días para todos! El día amaneció hermoso en Venezuela, pero en Madeira parece que nació el Sol ¿Dónde están los Madeirenses hoy? Thanks to @peneirol for the picture Grettins froms Venezuela @Regrann from @peneirol - Approaching Madeira Island #flying #work #bestvacations #windyday #Regrann #Madeira #MadeiraNoCoraçao #lusovenezolanos #PortugalNoCoraçao #portupower

330 portugueses detidos no estrangeiro em 2014

Correio de Venezuela / @correiodvzla

Alegriawpg: Beautiful!!! ipessegueiro: Está una tarde lindissima

Muitas saudades da nossa Madeira neste dia... ¿Dónde están nuestros paisanos madeirenses? @Regrann from @ funchalcity - #sea #atlantic #funchalcity #funchal #madeiraisland #madeira #picoftheday #instagood #igers #Regrann #somosmadeirenses #somosportugueses #lusovenezolanos #love #mar #like4like Mundoluso: Isla Bonita... Hermoso Paraiso... eusedaf: Bella Madeira

Correio de Venezuela  

Edición 628

Correio de Venezuela  

Edición 628

Advertisement