Page 1

P r é m i o Ta l e n t o 2 0 0 9 Correio de Venezuela

@correiodvzla

@correiodvzla

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

publiCAÇão Nº 571

Ano 14 • Depósito LegAL: 199901DF222 • BsF. 10

CAsAs DeL grupo LenA ACoLhem 1.200 FAmíLiAs DA ‘torre De DAviD’

pub

As exportações portuguesas para espanha aumentaram 4% no primeiro semestre do ano, impulsionadas pelo sector têxtil e de confecção tendo, no mesmo período as compras a espanha aumentado 8,6%. pag. 8

Kimberly triunfa nos ‘’premios tu mundo’’ No passado dia 21 de Agosto, a comunidade portuguesa radicada na Venezuela vibrou quando a lusodescendente Kimberly dos ramos conseguiu a estatueta dos ‘premios tu mundo’, como Artista Juvenil do Ano. pag. 14

portugal

A Associação Nacional de Supermercados e Auto-serviços (ANSA) promove o seu tradicional fórum anual, desta feita subordinado ao lema “Voluntad y Compromiso”, entre 30 de Setembro e 1 de outubro, no salón plaza real do hotel eurobuilding. pag. 5

Vendas para espanha crescem 4%

Cultura

‘Foro AnsA ‘ arranca a 30 de Setembro

portugal

Venezuela

Mil e 200 famílias que habitavam a conhecida ‘Torre de David’ em Caracas já foram transferidas para Lomas de Guadalupe (Ocumare) e Ciudad Zamora (Cúa). Ambas as urbanizações foram construídas pelo Grupo Lena, no quadro da Grande Missão Vivenda. pag. 3

mérida e táchira no

comando do ‘Clausura’ A terceira jornada do torneio de Futebol contou com sete encontros. o destaque da ronda cabe ao estudiantes de mérida, fruto da vitória arrancada na visita ao Deportivo La guaira e que permitiu alcançar o Deportivo táchira no topo da classificação. pag. 22


2 Editorial

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

retrospectiva A Associação Nacional de Supermercados e Auto-serviços (ANSA) promove o seu tradicional fórum anual, subordinado ao lema “Voluntariado e Compromisso”. Decorrerá entre 30 de Setembro e 1 de Outubro, no Salão Plaza Real do Hotel Eurobuilding, na zona Este de Caracas. Tal como em anos anteriores, este certame está di-

três

1

Desde o início dos convénios de cooperação Portugal-Venezuela que o Grupo Lena tem se destacado, não só pela visibilidade da obra em que está envolvido, mas sobretudo pela qualidade do trabalho que tem desenvolvido em Lomas de Guadalupe (Ocumare) e Ciudad Zamora (Cúa). São urbanizações construídas pelo grupo português, com know-how dos seus engenheiros e técnicos, e com alguma mão-deobra temporária vinda de Portugal. Tudo no quadro da Grande Missão Vivenda. O progresso do projecto é satisfatório para a empresa. Assim considera o seu directorgeral executivo, engenheiro Carlos Cardoso Marques. O governo de Venezuela quer acelerar a obra para entrega de alguns apartamentos aos desalojados do edifício da Torre de David, em Caracas. Está tudo a correr bem e os novos moradores já tomaram o seu lugar.

dois

A notícia que publicamos no interior desta edição de que a Venezuela está a construir uma estação de dessalinização para produzir água potável e combater a prolongada seca no país, é um dos destaques do CORREIO de Caracas. Outro destaque é de que as autoridades venezuelanas passaram a proibir, desde terça-feira, 26 de Agosto, o trânsito pelo território nacional de vários alimentos, bens de higiene pessoal, medicamentos, textos escolares, materiais para a construção civil, e produtos terminados, com fins de exportação. Medidas que esperamos solucionem os principais problemas dos venezuelanos: racionamento e escassez.

rigido aos sectores dos serviços auto, fabricantes e público em geral, e contará com a presença de oito conferencistas nacionais e internacionais. Una iniciativa que deve manter-se já que esta instituição tornou-se num apoio fundamental para todos os empresários lusitanos que lideram projectos neste sector de actividade.

Agradam-nos as notícias positivas que chegam de Portugal nas últimas semanas, o que pressupõe que estão a ser dados os primeiros passos no patamar do final da crise. As exportações portuguesas para Espanha aumentaram 4% no primeiro semestre do ano, impulsionadas pelo sector têxtil e de confecção tendo, no mesmo período as compras a Espanha aumentado 8,6%. Dados do Ministério da Economia e Competitividade espanhol referem que o aumento das exportações portuguesas para Espanha se deveu também ao crescimento no sector automóvel. Por outra parte, o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho, destacou o papel do sector agrícola português considerando ter sido um dos que mais ajudou a vencer a crise.

Estamos orgulhosos dos triunfos de Kimberly Dos Ramos nos Prémios ‘Tu Mundo’ da cadeia televisiva Telemundo, no passado dia 21 de Agosto, na cidade de Miami, nos EUA. A jovem luso-descendente alcançou a estatueta de ‘Melhor Artista Juvenil’, o que a consolida como uma grande actriz para toda a América Latina. Igualmente recebemos com satisfação a notícia de que Alex Goncalves irá trazer novamente o seu espectáculo ‘Con Todo Respeto’ a Caracas, o que é possível dado o sucesso obtido no início do projecto. Finalmente, não menos importante, destacamos o papel que desempenhou Maria Gabriela de Faria na telenovela “Virgen de la Calle”, que ganhou respeito, admiração e o coração da audiência venezuelana.

Fernando Gomes criou uma “unidade de saúde e performance”. “Decidimos intervir numa área que durante 14 anos esteve sem mudanças e optámos por dar um salto em frente”, assim falou numa conferência de imprensa o dirigente desportivo português. Essa nova unidade irá ser encabeçada pelo médico José Carlos Noronha e estará em funcionamento a 2 de Setembro, data em que a selecção de futebol de Portugal começará a preparar o encontro frente à Albânia, o primeiro de qualificação para o Euro2016. Esperamos que os resultados deste projecto se afigurem melhores que os obtidos recentemente e que. Nos próximos jogos, voltemos a gritar com orgulho: ‘Vamos Portugal’!

seis

fotoflash

É uma tradição que se celebra consecutivamente desde há alguns anos na cidade de Punto Fijo, no Estado Falcón. Não sabemos de quem terá partido a ideia, mas a verdade é que destas festas bem portuguesas se podem retirar alguns ensinamentos interessantes, que estão fundados na imensa religiosidade dos nossos antecedentes, pais e avós, mas também num sentido de fraternidade, de não excluir ninguém das suas celebrações, para que todos possam durante algumas horas sentir-se transportados ao passado, às suas terras. Por isso se celebra a Nossa Senhora do Monte, a Nossa Senhora dos Anjos e Nossa Senhora da Saúde. A tradição ligase muito com o passado. Não na perspectiva de regresso ou retorno, mas, no caso das comunidades de emigrantes, de saudade e de homenagem aos que ficaram para trás, e de incentivo aos que estamos criando, aos nossos filhos, para que tenham presentes as virtudes que, também, se podem extrair destas festas: uma sã convivência e respeito pela fé de cada um e a ambição de conseguir melhor e construir um caminho.

Grupo Editorial

www.correiodevenezuela.com Rif.: J-40058840-5

Director Aleixo Vieira Subdirector Agostinho Silva Gerente: Carla Vieira Editor Sergio Ferreira Soares Endereço: Av. Veracruz. Edif. La Hacienda. Piso 5, ofic. 35F. Las Mercedes, Caracas. Telefones: (0212) 9932026 / 9571 Telefax: (0212) 9916448 E-mail: editorial@correiodevenezuela.com

Chefe de redacção Sergio Ferreira Soares |Jornalistas Carla Salcedo Leal, Victoria Urdaneta, Yasireth De Aguiar, Kenner Prieto, Antonio Da Silva |Correspondentes Edgar Barreto (Falcón), Carlos Balaguera (Carabobo), Sandra De Andrade (Aragua), Sandra Rodríguez (La Victoria), Trinidad Macedo (Lara), Silvia K. Gonçalves (Bolívar), Ricardo Santos (Nueva Esparta), Luis Canha (Mérida), Daniela García (Miranda), Antonio Dos Santos (Zulia) |Colaborações Catanho Fernandes, Arelys Gonçalves, Antonio López Villegas, Isabel Idárraga, |Administração Ma.Fernanda Pulido |Publicidade e Marketing Carla Vieira |Paginação Elsa de Sá |Fotografia Francisco Garrett |Distribuição Luis Alvarado, Carlos Agostinho Perregil R. |Impressão Cadena Capriles, Operadora La Urbina C.A. Caracas -Venezuela |Tiragem 15.000 exemplares |Fontes de Informação Agência Lusa, Diário de Notícias, Diário de Notícias da Madeira, Ilhapress, Portuguese News Network e intercâmbio com publicações em língua portuguesa.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

HAbiTAção

1.200 famílias da Torre de David transferidas para casas do Grupo Lena Fernando Cámara fcamara@correiodevenezuela.com

Novas urbanizações habitacionais estão localizadas em Los Valles del Tuy, mais especificamente em Cúa e Ocumare Há três semanas foi iniciada a transladação das 1.200 famílias que se encontram na Torre de David para Lomas de Guadalupe (Ocumare) e Ciudad Zamora (Cúa). Ambas urbanizações foram construídas pelo Grupo empresarial transnacional português Lena, no quadro da Grande Missão Vivenda. O progresso do projecto é satisfatório para a empresa. Assim considera o seu director-geral executivo, engenheiro Carlos Cardoso Marques. “As obras estão avançando a um ritmo muito bom. Estamos fazendo um esforço adicional para cumprir os objectivos estabelecidos pelo Ministério do Habitat e Vivenda. Em tempos recentes, pediram-nos para antecipar um conjunto de entregas de apartamentos próximo de um mês ou mês e meio porque desejam atribuir essas vivendas entretanto. Alguns apartamentos já foram entregues”, disse o responsável, acrescentando que !quase toda as pessoas que vão viver neles provém da Torre de David e estão sendo trasladadas neste momento”. Segundo Carlos Cardoso Marques, “algumas pessoas já estão a viver nas casas. São quase 1200 apartamentos, que estão divididos em dois conjuntos residenciais, 600 cada um, em Cúa e Ocumare del Tuy. Isto é muito importante desde o ponto de vista social e po-

lítico, devido às relações entre Portugal e a Venezuela”, observou. Os imóveis dispõem das condições requeridas para que os seus ocupantes disponham dum nível de vida digno e satisfatório. “Essas residências têm todas as comodidades necessárias para viver dignamente. São edifícios de cinco pisos, cada um com quatro

uma poupança para elas. Somado a isso, terão escolas, os ‘simoncitos’, centros de saúde, parques infantis, segurança, ruas, sinalizações, entre outras cosas”, disse Cardoso. Os veículos terão um lugar assegurado. “Haverá estacionamentos suficientes para o número de apartamentos, além disso as suas são muito amplas”, indicou.

“Quase todas as pessoas que vão viver nestas casas provém da Torre de David e estão sendo trasladadas neste momento” apartamentos para um total de vinte. 50% de duas habitações e outros 50% com três. Além disso, possuem uma particularidade que não é comum em residências sociais, que e a inclusão das cozinhas. O normal é que as pessoas levem as suas cozinhas e invistam nelas. O que estamos fazendo representa

pessoas que estavam na Torre de David estão numa obra construída por nós”, comentou. No wntanto, as urbanizações de Lomas de Guadalupe e Ciudad Zamora não são as únicas obras a executar. Ainda faltam coisas para fazer. “Temos um convénio que foi assinado em 2008 para a construção de 50 mil soluções habitacio-

“O projecto que temos em marcha representa apenas 25%, isto é, 12.500 apartamentos e faltam 37.500” Como representante da empresa na Venezuela, o responsável não esconde a satisfação pelo trabalho realizado. “Representa um orgulho para a Lena e como somos uma empresa multinacional portuguesa, cabe recordar que estamos na Venezuela no quadro dum convénio entre ambos países, e que as

nais no quadro dos tratados entre Portugal e a Venezuela. O projecto que temos em marcha representa apenas 25%, isto é, 12.500 apartamentos e faltam 37.500. São edifícios pré-fabricados de muita qualidade e com transferência de tecnologia que ficarão no país, são fábricas de pré-fabricados. Soman-

Venezuela 3 do a isso, com a formação e qualificação de pessoal venezuelano. Sós nas fábricas existem cerca de 200 trabalhadores venezuelanos. Refira-se que estamos em dez países: Argélia Marrocos, Brasil, México, Colômbia, Roménia, Bulgária, África do Sul, Angola e Moçambique”, explicou. Duas obras de envergadura estão pendentes. O tempo estimado de construção de cada uma delas é de três anos. “Já temos duas actas de compromisso assinadas, uma em 2012 e outra em 2013. A primeira foi para a Faixa Petrolífera do Orinoco, para mais 12.500 apartamentos, e com o levantamento de estações e fábricas; a segunda, com a Governação do Estado de Falcón, sob a supervisão do Ministério de Habitat e Vivenda para a construção de outros 12.500 apartamentos, igualmente com transferência tecnológica. Que falta agora? Converter essas actas de compromisso em contrato e o que falta em ambos os casos é o financiamento. Temos alguns terrenos identificados e situados em Falcón. Cada edifício demora perto de quatro meses a levantar, é como se fosse um lego, com pré-fabricados de cimento, e estrutura metálica”, descreveu. O Grupo Lena tem como meta terminar, até ao final deste ano, um total de 4.080 apartamentos, contribuindo assim para realçar a importância do projecto Grande Missão Vivenda Venezuela, o qual pretende atacar o grave problema habitacional que afecta o sector mais necessitado da população. A qualidade de construção, seriedade e fiel compromisso da empresa tem sido elogiada constantemente pelo Ministério do Poder Popular para a Vivenda e Habitat. Somando a isto tudo, a empresa continua a trabalhar na execução do Contrato de Obra e Transferência Tecnológica para a Construção e Industrialização de 12.300 Vivendas, subscrito com o Estado venezuelano por via do Ministério do Poder Popular de Vivenda e Habitat. Cabe recordar que entre as obras relevantes do Grupo Lena encontram-se três estádios que foram utilizados no Euro 2004, que foi organizado por Portugal (Leiria, Coimbra e Algarve), o porto de cruzeiros da Madeira, e uma praia com quebra-mar em Martinica. Publicidade


4 Venezuela

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

ComéRCio

Reforçada penalização ao contrabando de produtos básicos CORREIO/LUSA

Segundo decreto presidencial Nº 1.190 que foi publicado na Gazeta Oficial Nº 40.481, com data de 22 de Agosto As autoridades venezuelanas passaram a proibir, desde terçafeira, 26 de Agosto, o trânsito pelo território nacional de vários alimentos, bens de higiene pessoal, medicamentos, textos escolares, materiais para a construção civil, e produtos terminados, com fins de exportação. A legislação venezuelana prevê até 14 anos de prisão para quem incorrer em contraban-

do de produtos. “Proíbe-se o trânsito, pelo território nacional com fins de exportação ou extracção a território estrangeiro, de produtos do cabaz básico (alimentar), matériasprimas, medicamentos e demais

bens importados ou produzidos no país para o consumo do povo venezuelano, indispensáveis para a vida digna, a saúde, a segurança e a paz social”, explica o decreto presidencial. Trata-se do decreto presiden-

PdVSA

Estação vai dessalinizar água do mar para combater a seca CORREIO/LUSA

A estação de dessalinização de água está ser construída, pela empresa estatal Petróleos de Venezuela A Venezuela está a construir uma estação de dessalinização para produzir água potável e combater a prolongada seca no país, que já provocou a morte de 200 mil cabeças de gado e levou ao racionamento daquele líquido. A estação de dessalinização de água está ser construída, pela empresa estatal Petróleos de Vene-

zuela SA (Pdvsa), no Centro de Refinação da Península de Paraguaná, Estado de Falcón (550 quilómetros a oeste de Caracas) e deverá iniciar as operações em Outubro, garan-

tindo ainda os requerimentos de água das refinarias de Amuay e Cardón. Numa primeira fase, segundo Luís Barbedi, porta-voz de Projec-

cial Nº 1.190 que foi publicado na Gazeta Oficial Nº 40.481, distribuído com data de 22 de Agosto. O decreto tem em conta vários “considerandos”, entre eles “que o contrabando de extracção afecta de maneira grave a produção nacional, o que provoca o aumento do desemprego e a falta de abastecimento, como consequência da acção de máfias contrabandistas da oligarquia venezuelana que afectam a economia e o bem-estar da população venezuelana”. Salienta ainda ser “dever” do Estado garantir a soberania e segurança alimentar e “em especial o abastecimento interno da população” e tomar “medidas máximas para conseguir de maneira eficaz e eficiente a erradicação das acções criminosas que pretendem desestabilizar o povo venezuelano”. Segundo o decreto foram detectadas “irregularidades na comercialização de alimentos do cabaz básico (alimentar), medicamentos, matérias-primas alimentares e industriais, peças de reposição e bens” que estão “afectando sensivelmente” o abastecimento nacional. Segundo a Gazeta Oficial está proibido transportar, com fins de exportação, produtos como óleos, alimentos para animais, arroz, ervilhas, feijão, lentilhas, sementes de soja e leguminosas, atum, sardinhas e jurel (tipo de peixe), açúcar mascavado e refinado, café em grão, torrado ou moído, carne de vaca, porco, frango ou de galinha.

tos Maiores do Complexo Refinador de Paraguaná, permitirá injectar 200 litros de água por segundo na rede hidrológica venezuelana, a fim de optimizar o abastecimento de água potável na região, devendo atingir posteriormente os 800 litros por segundo. Até finais de 2015 a Venezuela prevê colocar em funcionamento três estações adicionais de dessalinização de água do mar. Em Julho último a Federação Nacional de Produtores de Gado (Fedenaga) denunciou que pelo menos 200 mil cabeças de gado morreram, na sequência da seca prolongada e da falta de pasto para os animais. O anúncio foi feito por Rubén Darío Barboza, presidente da Fedenaga, que pediu ao Governo venezuelano para proceder urgentemente à importação de pasto, porque a falta de água tem impedido as sementes de germinar. Para tentar provocar chuva, a Venezuela está a bombardear as nuvens com iodeto de prata, a fim de acelerar o processo de condensação e dessa maneira fazer chover.

soltas

Entre 1 e 25 de Agosto foi superado o incremento previsto nos fluxos turísticos na Venezuela, que era de 20,73%. Até à data, que representa a metade da temporada de férias, o crescimento ascende a cerca de 25%, comparativamente a igual período do ano passado.

Corporación Venezolana de Guayana Ferrominera Orinoco avançou para a recuperação dos seus processos produtivos após receber um novo lote de equipamentos e peças destinadas às diferentes áreas operacionais da indústria do ferro, num investimento que ronda dos 261,1 milhões bolívares.

O Presidente Nicolás Maduro anunciou, na quarta-feira, 27 de Agosto, que o Governo venezuelano não vai impulsionar uma economia de livre mercado e que manterá o sistema de controlo cambial que está vigente e que impede a livre obtenção de moeda estrangeira no país.

A Venezuela instalou, no passado 23 de Agosto, uma comissão estatal para supervisionar os mais de 900 quilómetros de fronteira marítima e combater o contrabando de bens essenciais e combustíveis, na localidade de Cumaná, estado de Sucre, 440 quilómetros a leste de Caracas.


Venezuela 5

Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

EmPrESAS

‘Foro ANSA 2014’ arranca a 30 de Setembro Sergio Ferreira Soares sferreira@correiodevenezuela.com

Durante dois dias, oito conferencistas vão abordar temas ligados aos supermercados e auto-serviços A Associação Nacional de Supermercados e Auto-serviços (ANSA) promove o seu tradicional fórum anual, desta feita subordinado ao lema “Voluntad y Compromiso”, entre 30 de Setembro e 1 de Outubro, no Salón Plaza Real do Hotel Eurobuilding, na zona Este de Caracas. Tal como em anos anteriores, este certame está dirigido aos sectores dos serviços auto, fabricantes e público em geral, e contará com a presença de oito

conferencistas nacionais e internacionais. “Continuando com os nossos habituais eventos anuais, com o ‘Foro ANSA 2014’ queremos contribuir com ferramentas desde vários enfoques, baseando-se principalmente numa revisão interna, sendo o nosso principal objectivo continuar a proporcionar a todos os afiliados, fornecedores e amigos as chaves para alcançar o sucesso”, afirma a associação em comunicado. Um dos destaques do ‘Foro ANSA 2014’ radica na tradicional zona de exposição, que contará com mais 50 stands das mais variadas empresas, oferecendo informação e demonstrações dos seus produtos. O custo de inscrição é de 3200 bolívares para os afiliados e 4800 bolívares para os não afiliados. Os estudantes pagam 900 bolívares.

MARTES 30 DE SEPTIEMBRE REGISTRO Y ENTREGA DE MATERIAL

12:00 - 2:15 pm 2:15 - 2:30 pm 2:30 - 3:30 pm

COMPRA INTELIGENTE, VENTAS EFICIENTES

GUILLERMO MARTINEZ VENEZUELA

COFFEE BREAK / VISITA A LA EXPO

3:30 - 4:15 pm 4:15 - 5:15 pm

LUIS RODRIGUEZ ANSA

BIENVENIDA ANSA

ALEXANDER CABRERA

LOS SUPER EN VENEZUELA

NIELSEN VENEZUELA

CIERRE / COMEDIA

5:15 – 6:15 pm

MIERCOLES 01 DE OCTUBRE REGISTRO / COFFEE

7:30 - 8:30 am 8:30 - 9:30 am

SERVICIO AL CLIENTE

9:30 -10:30 am

TENDENCIAS DEL CONSUMO

ALBERTO PATIÑO VENEZUELA FERNANDO GALANTE ARGENTINA

COFFEE BREAK/VISITA A LA EXPO

10:30 -11:15 am

POR CONFIRMAR VENEZUELA

11:15 - 12:15 pm ACTUALIDAD DE LA INDUSTRIA ALMUERZO /VISITA A LA EXPO

12:15 - 2:00 pm

3:00 - 4:00 pm

LOGISTICA EN TIEMPO DE CRISIS COFFEE BREAK/VISITA A LA EXPO

4:00 - 5:00 pm

SHOPPER SOLUTIONS

2:00 - 3:00 pm

5:00 - 6:00 pm

COLOMBIA PATRICIA MORAES BRASIL

CIERRE / MOTIVACIONAL

rEligião

Paraguaná celebrou os santos lusos José Manuel De Oliveira

Comunidade lusa reuniu-se na igreja de Nossa Senhora de Fátima de Caja de Agua A cidade de Punto Fijo, no Estado de Falcón, rendeu tributo, pelo segundo ano consecutivo, a quatro santos lusitanos. Na sexta-feira, 15 de Agosto, dia da Assunção da

Virgem Maria, a comunidade lusitana reuniu-se na igreja de Nossa Senhora de Fátima da comunidade de Caja de Agua, no município Carirubana da referida, para assistir a uma Missa Solene em honor de Nossa Senhora do Monte (Funchal, Madeira), Nossa Senhora dos Anjos (São Miguel, Açores) e Nossa Senhora da Saúde (Continente). A eucaristia foi oficiada pelo padre Mateo Marzano, pároco que nesse dia se despedia do cargo que ocupou durante nove anos. Os fiéis presentes demonstraram a sua

devoção e felicitaram os organizadores, que este ano foram a família Abreu Fernandes e os membros do Grupo Folclórico Nova Geração de Paraguana. Já no domingo, 17 de Agosto, na capela do Centro Português de Punto Fijo, o Grupo Folclórico Filhos dos Imigrantes patrocinou uma missa que foi seguida de uma procissão em honra de São Jorge: santo padroeiro de Portugal, do Exército e Armada, dos escuteiros e de várias localidades lusitanas, entre eles a freguesia de São Jorge.


6 Saudades da nossa terra

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

Joeiras ao

alto

Marta Caires martavelosacaires@gmail.com

As joeiras, a versão madeirense dos papagaios de papel, foram muitos populares até ao início dos anos 80, até ao céu se encher de fios de telefones e de luz e não haver espaço para as lançar ao vento nos terraços. Hoje quase só aparecem nos concursos promovidos pelas juntas de freguesia e as casas do povo (como em São Roque), algumas já com alterações, construídas por pais e avós, homens acima dos 45 anos, os que nos anos 70 passavam as tardes de Verão a altear joeira. Para se perceber a importância destes brinquedos, é preciso imaginar a Madeira de há 40 anos, quando nem todas as casas tinham electricidade e telefone havia só um, daqueles pretos, na mercearia,

na igreja ou em casa de alguém de posses. Nem sequer havia luz em todos caminhos, o céu estava livre de fios cruzados e os miúdos, que corriam em bandos pelos sítios, tinham poucos brinquedos. Um carrinho na Festa e, mesmo assim, não era para todos. Sem brinquedos e três meses de férias da escola, o remédio era inventar e as joeiras, bem as joeiras eram muito populares. Não se podia dizer que fossem baratas, mas era uma coisa que se fazia com alguma poupança. O mais caro era mesmo o barbante – fio norte – que até se dava o nome de barbante de joeira. O melhor, no entanto, é começar pelo princípio e explicar como é que se fazia uma joeira, os investimentos que implicava e o prazer que dava, depois, tê-la no ar. O investimento, o que custava

dinheiro na venda, era o barbante – quanto mais tivesse mais alto voava a joeira – e o papel de seda às cores, cuja quantidade variava consoante o tamanho. Nesta altura, este papel que se comprava às folhas na mercearia tinha o nome de... papel de joeria. O resto do material arranjava-se em casa: trapos para o rabo, canas vieiras fininhas dos barrancos e milho cozido ou semilhas cozidas para pregar o papel. A qualidade do produto final dependia, depois, da habilidade do construtor. O jeitinho ajudava e uns tinham mais do que outros. Os irmãos mais velhos, primos e até o avô eram ‘mão de obra’ importante. Momento difícil era a junção das três canas. A joeira clássica é um hexágono, mas havia maiores com oito e doze lados mas que só em dias de muito vento con-

seguiam voar. Unir as canas – ou meias canas no caso das joeiras mais pequenas e leves – quase sempre era com ajuda. Um segurava e o outro passava o barbante. Um furo no meio a unir as três canas também ajudava. Depois, gastava-se quase um rolo de barbante a fazer a ‘cama’ onde seria colado o papel. No meio, um reforço redondo. Colado o papel (não esquecer os roncos), juntavam-se as guias de fio que se ligavam ao longo barbante. O rabo era muito importante, servia de contra-peso e levava pedaços de pano, quase sempre de lençóis velhos. Acabada a construção, era ir para o terraço – quase todas as casas da Madeira desse tempo tinham um terraço onde se alteava a joeira e se estendia a roupa – e esperar pelo vento. Um ficava a segurar e o piloto, o que ficava com a

espécie de guiador (um pau onde se enrolava o barbante), dava a ordem para largar. E pronto a joeira estava no ar, primeiro ainda grande, depois mais pequena e até ficar um ponto no céu, em que já não se distinguia as cores do papel. Em certos dias, viam-se no céu, em cada sítio, uma meia dúzia, maiores, mais pequenas, com os rabos compridos a fazer ‘esses’. O pior era quando o azar espreitava, o vento mudava e a joeira acabava enrolada nos poucos fios da luz. O melhor que se podia fazer era salvar o barbante, que era caro e dava para outra. De resto, a joeira morta ficar a rodar, até ser só um esqueleto e o tempo da chuva desfazer o que restava. E os azares aconteciam, mas os rapazes de há 40 anos não desistiam, voltavam a construir e a lançar à sorte as suas joeiras às cores.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 7


8 Portugal

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

CooPErAção

AICEP quer conciliar empresas lusas e investimentos chineses em África

Macau), que reúne agências de comércio externo de todos os países de língua portuguesa, à excepção de São Tomé e Príncipe, que não tem relações diplomáticas com Pequim. “Estes fóruns são muito importantes, porque permitem-nos ficar no epicentro das conversas entre a China, que procura recursos nestes países africanos, e as empresas locais, que necessitam de conhecimentos para saberem fazer parcerias com as empresas chinesas”, sublinhou Pedro Ortigão Correia. Durante o encontro, que foi inaugurado pelo primeiro-ministro moçambicano, Alberto Vaquina, o Banco de Desenvolvimento da China (BDC) promoveu uma

apresentação sobre o Fundo de Desenvolvimento para a Cooperação entre a China e os países de língua portuguesa, que dispõe de 1.000 milhões de dólares para investimentos empresariais no espaço dos países-membros do Fórum Macau, e que foi lançado há cerca de um ano. Segundo o BDC, até ao momento, o fundo empresarial recebeu cerca de 50 candidaturas para projectos de investimento, que se encontram em fase de estudo de viabilidade, e que estão sobretudo voltados para as áreas de agronegócios, turismo, transportes e comunicações e indústria. “Portugal, ao não ser um alvo preferencial nestes domínios, tem de procurar uma participação nos projectos do fundo em outros países de língua portuguesa e, por isso, temos promovido activamente junto de empresas que actuam nestes mercados a existência do fundo, para que elas se possam candidatar”, adiantou Pedro Ortigão Correia. Embora o encontro esteja direccionado para o sector empresarial, a participação de empresas dos países de língua portuguesa foi relativamente pálida, especialmente de portuguesas, o que o vice-presidente da AICEP justificou com a realização da Feira Internacional de Maputo (FACIM), que decorre desde segunda-feira nos arredores da capital moçambicana.

no sector automóvel. Paralelamente, destaca numa nota enviada, terça-feira, 26 de Agosto, à Lusa pela delegação em Madrid do AICEP, o aumento das compras espanholas a Portugal foi menor do que o aumento total das exportações espanholas (5,3%). A exportação de petróleo e derivados, que em 2013 representou cerca de 65% do aumento, continua a registar uma tendência de-

crescente (representou menos de 25%). Nos primeiros quatro meses do ano, as vendas de Portugal a Espanha ascenderam a 4.935 milhões de euros (mais 4%) e as compras ascenderam a 8.690 milhões de euros (mais 8,6%). Portugal é o terceiro destino das exportações espanholas (quota de mercado de 7,3%) e o nono fornecedor (3,8% de quota de mercado).

CORREIO / LUSA editorial@correiodevenezuela.com

Empresas portuguesas podem intermediar os investimentos chineses em países africanos O vice-presidente da Agência para a Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) considerou, na terça-feira, 26 de Agosto, em Maputo, que as empresas portuguesas podem intermediar os investimentos chineses em países com recursos naturais como Moçambique, atendendo aos conhecimentos que possuem. Para Pedro Ortigão Correia, que falava à margem do X Encontro de Empresários para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os países de língua portuguesa, que Maputo recebeu até quarta-feira, 27, a inexistência de recursos naturais em Portugal é compensada, nas relações com a China, pelas capacidades das empresas portuguesas, com grande experiência de actuação em economias em desenvolvimento, como Moçambique ou Angola. “Infelizmente, Portugal não tem recursos naturais, mas tem empresas com conhecimentos para explorar essas reservas. Este é o casamento perfeito, porque

Pedro Ortigão Correia visitou Moçambique. FOTO DR

as diferenças das economias em termos dos seus estágios de desenvolvimento faz com que estes países precisem do apoio das nossas empresas”, afirmou em declarações à agência Lusa o vicepresidente da AICEP. Promovido pelo Instituto para a Promoção das Exportações de Moçambique (IPEX) em conjunto com o Instituto para a Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) e o Conselho para a Promoção do Comércio Internacional da China (CPCIC), o encontro empresarial decorre no contexto da criação, em 2003, do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os países de língua portuguesa, (Fórum

ExPortAção

Vendas para Espanha crescem 4% CORREIO/LUSA

Vendas foram impulsionadas pelo sector têxtil e de confecção, no primeiro semestre do ano

As exportações portuguesas para Espanha aumentaram 4% no primeiro semestre do ano, impulsionadas pelo sector têxtil e de confecção tendo, no mesmo período as compras a Espanha aumentado 8,6%. Dados do Ministério da Economia e Competitividade espanhol referem que o aumento das exportações portuguesas para Espanha se deveu também ao crescimento

O Instituto Pedro Nunes coordena um programa europeu que vai apoiar até 150 projectos vocacionados para cidades inteligentes, qualidade de vida, mobilidade e eficiência de recursos, e que conta com cinco milhões de euros de financiamento. O IPN coordena o programa SOUL-FI, que pretende apoiar projectos, ideias e produtos europeus que melhorem a qualidade de vida urbana, a mobilidade, o turismo e a eficiência de recursos, informou Nuno Varandas, coordenador executivo.

A Associação Nacional de Municípios avançou, terça-feira, 26 de Agosto, que existem seis autarquias que se encontram em “grave dificuldade económica” e que vão ter de beneficiar de um “empréstimo extraordinário” do Governo enquanto o Fundo de Apoio Municipal não for instituído. “Enquanto o fundo não esta instituído, o Governo comprometeu-se estando em curso uma linha de financiamento extraordinário, por conta do fundo a criar, para socorrer as seis autarquias que estão em dificuldades extremas, algumas das quais com dificuldades para pagar os salários”, disse em declarações à agência Lusa, Manuel Machado, presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses.

O Banco de Portugal advertiu, na terça-feira, 26 de Agosto, que a Scandi Finance e Scandi Credit não estão habilitadas para conceder créditos em Portugal e alerta para um possível esquema fraudulento envolvendo propostas de emprego destas entidades.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Portugal 9

oE2014

Governo aprova segundo orçamento rectificativo do ano

Pedro Passos Coelho visitou a Agrival. FOTO DR

EConomia

Passos Coelho diz que sector agrícola é dos que mais ajuda o país CORREIO/LUSA

Até ao final da 35ª edição da Agrival, no dia 31 de Agosto, são esperados mais de 140.000 visitantes. O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, elogiou, no domingo, 24 de Agosto, em Penafiel, o sector agrícola português considerando ter sido dos que mais ajudou a vencer a crise que afectou o país nos últimos anos. “Espero que a minha visita, depois desta crise grave por que passámos, mostre que este sector foi muito importante para nos ajudar a vencer a crise”, declarou Pedro Passos Coelho, quando visitava a Feira Agrícola do Vale do Sousa (Agrival). Em declarações aos jornalistas, o chefe do Governo sublinhou que, actualmente, o sector agrícola é “fortemente exportador e criador de riqueza”, prevendo que, no futuro, “pode ter um maior crescimento”. Pedro Passos Coelho, acompanhado do presidente da câmara, Antonino Sousa, percorreu o certame no qual participam cerca de 350 expositores. Para o primeiro-ministro, “o dinamismo grande” da Agrival “é bem uma prova de que o país tem na agricultura um parceiro impor-

tante de crescimento”. “É um sector que traz melhor rendimento e que atrai mais jovens para a agricultura, muitos mais qualificados do que antigamente”, assinalou. A propósito, Passos sublinhou a importância do sector na balança alimentar do país e nas exportações, contribuindo para “gerar emprego e rendimento”. “Muitos daqueles que acreditavam que este era um sector em remissão tiveram oportunidade de constatar que, nestes três anos, apesar da crise que nós vivemos, todo o sector agrícola foi daqueles que registou um desenvolvimento mais dinâmico e um desenvolvimento social mais notado, com criação de postos de trabalho e valor acrescentado”, acrescentou. O primeiro-ministro exortou “todos os agricultores” a aproveitarem o novo ciclo de financiamento europeu, utilizando, “pelo menos tão bem como até aqui”, os recursos disponíveis”. Se fizerem os investimentos necessários, concluiu o chefe do Governo, poderão ajudar o país a crescer e exportar mais. Na visita ao certame, o chefe do Governo falou com vários expositores, deixando a mensagem de que a recuperação económica do país trará mais oportunidades para as empresas. Até ao final da 35ª edição da Agrival, no dia 31 de Agosto, são esperados mais de 140.000 visitantes.

O novo OE foi aprovado em Conselho de Ministros extraordinário. FOTO DR CORREIO/LUSA

O Governo aprovou, terça-feira, 26 de Agosto, no Conselho de Ministros extraordinário o segundo orçamento rectificativo para este ano, sem “qualquer alteração de natureza fiscal”. De acordo com fonte da Presidência do Conselho de Ministros, a reunião do Conselho de Ministros extraordinário terminou pouco depois das 13:00, tendo demorado cerca de três horas e meia, sem declarações aos jornalistas. Num comunicado enviado às redacções, o Governo afirma que aprovou o segundo orçamento rectificativo do ano, “sem necessidade de haver recurso a qualquer alteração de natureza fiscal”. O Executivo liderado por Pedro Passos Coelho explica que “a revisão dos tetos orçamentais é acomodada pela evolução positiva do emprego e consequente redução da despesa com prestações e melhoria da

receita fiscal e de contribuições para a segurança social, e pelo controlo das rubricas de despesa fora da despesa com pessoal”. Sem especificar as medidas que constam no documento, o Governo assegura que “o Orçamento Rectificativo garante o cumprimento do objectivo de 4% para o défice público no corrente ano, corrigindo os efeitos decorrentes da decisão de inconstitucionalidade proferida pelo Tribunal Constitucional sobre algumas normas” do Orçamento de Estado para este ano. O Orçamento Rectificativo será remetido à Assembleia da República na quintafeira e será apresentado à comunicação social nesse dia, indica o Governo. Passos Coelho já tinha recusado um aumento de impostos no orçamento rectificativo, considerando que o défice de 4% definido para este ano é alcançável e que bastam “alguns ajustamentos” dentro do orçamento, nomeadamente do lado da despesa.


10 portugal

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de setembro de 2014 | Correio da Venezuela

Ensino supERioR

Reitores “mais sossegados” Mais de três milhões de processos, a que corresponde 97 por cento do universo, foram transferidos electronicamente, revelou, terça-feira, 26 de Agosto, o IGFEJ, que suspendeu a plataforma informática CITIUS durante três dias. A transferência electrónica de processos foi realizada no âmbito do plano de transição electrónica de processos judiciais encetado pelo IGFEJ para a reforma judiciária, tendo sido “já concluídas as fases de classificação de processos, com identificação das unidades de origem e de destino, e da sua transição para a plataforma informática que servirá de suporte à nova organização judiciária”.

CORREIO/LUSA editorial@correiodevenezuela.com

Com a nova “metodologia” anunciada pelo Governo para repor cortes face à decisão do Constitucional O reitor da Universidade do Minho afirmou, na segunda-feira, 25 de Agosto, que a “metodologia” anunciada pelo Governo para calcular a reposição de verbas no orçamento de 2015, face à decisão do Tribunal Constitucional, deixou os reitores das academias portuguesas “mais sossegados”. À margem de uma sessão da 37ª CERN School os Computing, a decorrer em Braga, António Cunha apontou que se aquela reposição não for feita será “impossível” para as universidades “fazer uma execução orçamental” em 2015. Na quinta-feira anterior, o secretário de Estado do Ensino Superior afirmou à Lusa que “estão a ser criadas as condições para ter orçamento e estão criadas as condições para acompanhar como esse reforço vai ser calculado”, depois do Conselho de Reitores das Uni-

António Cunha espera agora ser possível “fazer uma execução orçamental” em 2015. FOTO DR

versidades Portuguesas ter pedindo “informação adicional” sobre a elaboração dos orçamentos para 2015, “tendo em conta a necessidade legal de fazer estimativas realistas da despesa com pessoal, no cumprimento das decisões do TC”. Segundo António Cunha, a preocupação dos reitores prendiase com o facto de “quando existiu reposição de verbas cortadas” estas “não foram repostas no mesmo nível”. “No final da semana passada o secretário de Estado do Ensino Superior, para além de confirmar um compromisso do Governo de

CAmpAnhA

Jovens bebem cada vez menos álcool quando conduzem CORREIO/LUSA

A campanha de verão 100% Cool concluiu que os jovens portugueses bebem cada vez menos álcool quando vão conduzir e cada vez mais elegem um deles para levar o carro, anunciou, no domingo, 24 de Agosto, a organização da iniciativa. “Os jovens condutores portugueses fiscalizados no âmbito das

campanhas 100% Cool deste Verão, realizadas no âmbito das operações da Guarda Nacional Republicana, mostraram estar cada vez mais conscientes da importância de não consumir álcool quando vão conduzir, ou de o fazer de forma moderada”, refere um comunicado da Associação Nacional de Bebidas Espirituosas (ANEBE). A campanha 100% Cool, que

reposição dessas verbas, anunciou uma metodologia para o cálculo dessas verbas que, de algum modo, deixou os reitores mais sossegados do que o que estavam”, apontou o reitor da UMinho. No entanto, apontou António Cunha, esta “situação que continua a preocupar devido ao volume e montantes financeiros que envolve mas certamente que o Governo não vai deixar de cumprir os compromissos dessa informação dada pelo secretário de Estado”. Isto porque, alertou, “seria impossível fazer uma execução orçamental em 2015 se as univer-

sidades não forem ressarcidas” do valor que vão ter que despender para cumprir a decisão do TC que considerou inconstitucionais cortes nos salários da Função Pública. No caso da instituição minhota, essa verba atinge os 4 milhões de euros “sendo que a dotação do Governo para a UMinho é de 53 milhões seria quase 10% desse valor”. Ainda assim, e perante o anúncio de “mais um corte” no financiamento às universidades, relativo à diminuição de verba a despender com a ADSE para 2015, Cunha apontou consequências.

se realiza desde 2000, fiscalizou 316 jovens em cinco acções, nocturnas e diurnas, em Albufeira e Vilamoura, no Algarve, entre 2 e 24 de Agosto. Destes, 220 não revelaram álcool no sangue ou estavam a conduzir dentro dos limites legais. Esta situação “reforça os padrões de descida no consumo de álcool por parte dos condutores portugueses com idades entre os 18 e os 30 anos”, salienta a ANEBE. Por outro lado, “assistimos este ano a um fenómeno crescente e muito positivo, que é o de grupos de jovens que saem juntos e elegem um deles como condutor, que pura e simplesmente não consome bebidas alcoólicas”, explica o secretário-geral da ANEBE, Mário Moniz Barreto, citado no comunicado. Para o responsável, “isto revela uma consciência muito saudável sobre os perigos de juntar o con-

sumo de álcool à condução”. A campanha 100% Cool procura evitar a repressão e aposta na educação, motivação e responsabilização dos jovens para um consumo moderado de álcool. A iniciativa centra-se nas brigadas constituídas por jovens que se deslocam aos locais de diversão nocturna para sensibilizar para o consumo moderado de álcool, realizar testes de alcoolemia e premiar simbolicamente os jovens com 0% de álcool.

O secretário de Estado da Inovação, Pedro Gonçalves, destacou, na terça-feira, 26 de Agosto,, no Dia de Portugal na Feira Internacional de Maputo, o esforço dos empresários na recuperação da economia portugueses. “Portugal está muito grato pelo esforço que todos os empresários têm feito, porque tem sido deles o principal esforço da recuperação da economia portuguesa”, afirmou o governante perante dezenas de expositores portugueses representados na Facim, inaugurada na segunda-feira e que se prolonga até 31 de Agosto.

A protecção civil de Celorico de Basto tem destruído, nas últimas semanas, vários ninhos de vespa asiática, avançou, terçafeira, 26 de Agosto, à Lusa o presidente da câmara. Segundo Joaquim Mota e Silva, tudo está a ser feito para controlar a situação, evitando que aquele insecto invada zonas onde existem colmeias.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 11


12 Portugal

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

Diáspora

PolítiCA

António Costa reclama tratamento fiscal idêntico para emigrantes e estrangeiros

CORREIO/LUSA

“Não há nenhuma razão para nós discriminarmos negativamente os nossos emigrantes”, disse o também presidente da Câmara Municipal de Lisboa O candidato às primárias do PS António Costa pediu, em Viana do Castelo, um tratamento fiscal em Portugal tão favorável para os emigrantes lusos como o aplicado aos estrangeiros a residir no país. “Uma coisa importante é que os portugueses a residir no estrangeiro tenham em Portugal o mesmo tratamento fiscal tão favorável como o concedido a estrangeiros que vêm residir para Portugal”, afirmou António Costa, no passado 20 de Agosto, durante uma visita às ruas da ribeira de Viana, no primeiro dia das Festas da Senhora da Agonia. O também presidente da Câmara de Lisboa afirmou que “não há nenhuma razão para nós dis-

António Costa diz que os emigrantes “são os grandes embaixadores de Portugal no mundo”.

criminarmos negativamente os nossos emigrantes relativamente aos regimes mais favoráveis que temos criado para a atracção de investimento estrangeiro” e, sublinhou, depois de abordado por muitos emigrantes de visita às festas, que “a atracção de investimento dos nossos emigrantes é muito importante para o desenvolvimento do país”. “São os grandes embaixado-

res de Portugal no mundo. São grandes veículos e grandes canais da nossa exportação. Podem ser grandes activos de mobilização de investimento para Portugal”, sustentou. Na sua opinião, a “mobilização das comunidades portuguesas em todo o mundo e designadamente na Europa é da maior importância para o nosso relançamento económico e é importante que se sintam

em Portugal como em casa”. “Para isso era interessante que tivessem um tratamento fiscal pelo menos tão favorável como aqueles que temos criado ultimamente para atracção de investimento estrangeiro que é aplicável aos estrangeiros em Portugal mas curiosamente não é aplicável aos portugueses que são residentes no estrangeiro”, explicou. Além de visitar os tapetes de

sal colorido confeccionados durante todo a noite pelas gentes da ribeira em homenagem à Senhora da Agonia, António Costa assistiu ao início da procissão ao mar em honra da padroeira dos pescadores, que todos os anos conta com a presença de muitos emigrantes a quem António Costa deixou uma mensagem de “confiança no país”, e a quem disse que “conta com eles para relançar Portugal”. “É importante que todos sintam que, apesar das dificuldades e de todos os problemas que o país está a atravessar, é um país que tem quase 900 anos de história e que tem um grande futuro que conta com todos e precisa de todos”, afirmou. Questionado pelos jornalistas sobre as críticas do secretáriogeral, António José Seguro, que o acusou de “copiar as propostas” da actual direcção e de ter um programa eleitoral muito parecido com o seu, Costa respondeu assim: “Não tenho tido por hábito andar a responder ao que diz o secretário-geral do PS. Eu acho que aquilo que é pedido aos candidatos no PS é que nos dirijamos ao país e expliquemos aos portugueses aquilo que temos a dizer a Portugal e sobre Portugal. É essa a minha preocupação”.

Remessas dos trabalhadores estrangeiros caem 13% As remessas dos trabalhadores estrangeiros em Portugal em Junho desceram quase 13%, para 41,2 milhões de euros, enquanto as remessas enviadas pelos emigrantes nacionais subiram 3,9% para 241,3 milhões de euros. De acordo com dados divulgados pelo Banco de Portugal no Boletim Estatístico de Agosto, os portugueses em França e na Suíça foram, como habitualmente, os maiores contribuintes, enviando mais de metade do total que Portugal recebeu dos seus cidadãos a trabalhar no estrangeiro (75,6 milhões no caso de França e 58,8 milhões no

caso da Suíça). A maior variação percentual, no entanto, surge no caso dos portugueses a trabalhar no Brasil, que enviaram para Portugal em Junho 2,4 milhões de euros, o que representa uma subida de 129% face aos 1,046 milhões que tinham enviado no mesmo mês do ano anterior. onde também houve uma variação percentual significativa foi no Reino Unido, de onde os trabalhadores portugueses enviaram 15,7 milhões de euros, um aumento de 34,5% face aos 11,7 milhões enviados em Junho de 2013. Em sentido inverso, a maior variação aconteceu no caso dos alemães a trabalhar em Portugal, que

enviaram para a Alemanha 394 mil euros, representando uma subida de 91,2% face aos 206 mil euros enviados em Junho do ano passado. No caso dos brasileiros em Portugal, provavelmente por causa da descida do número de imigrantes, o valor enviado para o seu país de origem baixou 30,8%, passando de 25,6 milhões em Junho do ano passado para 17,7 milhões de euros, em Junho deste ano. os dados do Banco de Portugal relativamente aos Países Africanos de língua oficial Portuguesa (PAloP) não explicitam o valor enviado em Junho, apresentando apenas o total dos primeiros seis

meses, à semelhança do que tem acontecido nos últimos meses, o que inviabiliza as comparações. No primeiro semestre deste ano os portugueses que trabalham nos

PAloP enviaram 136,3 milhões de euros para Portugal, enquanto os cidadãos destes países que trabalham em Portugal remeteram 17,4 milhões de euros.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 13


14 Cultura

Quinta-feira 28 de agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

TeaTro

‘Con todo respeto’ regressa a Caracas

Sergio Ferreira Soares

La Distancia Mas Larga

Carla Salcedo Leal csalcedo@correiodevenezuela.com

O monólogo de Alex Gonçalves apresentase durante três semanas na sala de concertos do BOD Corp Group O animador luso-venezuelano Alex Gonçalves regressa a Caracas

para a apresentação do seu espectáculo de stand up comedy ‘Con todo respeto’, depois de uma bem sucedida digressão nas cidades mais importantes do país, onde foi bem acolhido pelo público. Nesta oportunidade, o espectáculo, escrito pelo próprio Gonçalves, apresenta-se todos as quartasfeiras, durante o mês de Setembro, na sala de concertos do BOD Corp Banca, de La Castellana, acompanhado, desta vez, pelo companheiro de aventuras Manuel Silva, e narra, durante uma hora de comédia, a sua experiência nos meios de comunicação, a propósi-

TeaTro

Kimberly triunfa nos ’Premios Tu Mundo’ Sergio Ferreira Soares sferreira@correiodevenezuela.com

A luso-descendente conseguiu a estatueta de Artista Juvenil. No passado dia 21 de Agosto, a comunidade portuguesa radicada na Venezuela vibrou quando a luso-descendente Kimberly dos Ramos conseguiu a estatueta dos ‘Premios Tu Mundo’, como Artista Juvenil do Ano. A cerimónia, que decorreu na American Airlines Arena, na cidade de Miami, Estados Unidos, destacou-se pelo êxito

dos venezuelanos nas diferentes categorias para as quais estavam nomeados. “Obrigada aos meus #Kimystas. Amo-vos muito. Mil obrigadas”, escreveu a artista na sua conta do Twitter minutos depois de ter sido dada como vencedora. Nessa mensagem, acrescentou: “Obrigada a todos pelo grande apoio e por cada um dos votos na minha categoria.” Já durante a conferência de imprensa que decorreu logo a seguir a ter recebido o galardão, disse: “Agradeço à minha família pelos valores com que me criaram. É o que permite que a minha carreira continue a crescer. Ensinaram-me

to da celebração dos seus 10 anos de carreira, desde o momento em que ganhou um reality show na Venevisión que lhe permitiu conduzir o famoso programa ‘Doce Corazones’. À sua experiência junta-se o trabalho na rádio ou atrás das câmaras nas gravações de Chataing TV, passando pela sua despedida de solteiro, e finalmente pela aprendizagem ao longo do seu recente casamento com a também lusodescendente, Karen Ferreira. ‘Con todo respeto’ é um monólogo muito bem acompanhado de visuais e a pretensão inicial é, nas

que só há que ter vontade e entregar-me a 100% a cada um dos projectos que empreendo. Sinto-me feliz por acordar todos os dias com o pé direito e convencida de que estou a fazer o que gosto”. Estes prémios, que reconhecem os actores favoritos dos espectadores da cadeia televisiva Telemundo, são entregues após um processo de votação através das plataformas de televisão, móveis e redes sociais. O público entregou aos crioulos os galardões de Actriz Secundária (Daniela Navarro), Artista Juvenil (Kimberly dos Ramos), Protagonista Favorita (Gaby Espino) e ‘¡Qué papasito!’ (Gabriel Coronel). Gaby Espino e Aarón Díaz foram os apresentadores do evento, que começou com a actuação de Yandel, Farruko e Gadiel. A banda mexicana Los Tucanes de Tijuana estrearam o tema oficial da novela ‘Señora Acero’, enquanto Natalia Jiménez cativou todos com o seu novo single ‘Creo en Mí’. Olga Tañón e Elvis Crespo encheram a sala com o sabor tropical.

suas palavras, “que as pessoas que me acompanharam durante este tempo e me conhecem possam desfrutar do que vou contar. Vou dar muitos detalhes da minha adolescência e também da minha experiência no matrimónio.” Este desafiante espectáculo, que se transformou em êxito desde a estreia, contou com o apoio da reconhecida produtora Jorgita Rodríguez, e terá três únicos espectáculos, por agora, 3,10 e 17 de Setembro, às 8 da noite. As entradas já estão à venda nas bilheteiras do teatro, e em www.ticketmundo. com.

Na próxima sexta-feira, 29 de Agosto, chega às salas de cinema do país a obra prima da cineasta venezuelana Claudia Pinto, intitulada “La Distancia más Larga”. O filme revela dois rostos dum mesmo país, dois protagonistas em momentos vitais opostos e duas viagens temerárias: uma aventura infantil que cruza um país inteiro, e uma viagem sem retorno, mas livre e decidida. Assim, Marina, viaja desde Espanha para a Venezuela com uma dupla intenção: por um lado fazer as pazes com a sua filha, radicada neste país com o seu marido Julio e o seu filho; por outro, visitar de novo os arredores do monte Roraima, na Sabana venezuelana, um lugar muito especial para ela. O que não imagina é que o seu pequeno neto iniciará a mesma aventura de viajar até às montanhas mais antigas do planeta. A historia é protagonizada por Carme Elias, Omar Moya e Alec Whaite.

Locos Por Las Nueces Surly, é um esquilo com dificuldade em se relacionar com os seus companheiros. Expulso do parque onde vivia é obrigado a encontrar formas de subsistência no meio da cidade. Por sorte, encontra um lugar que não só lhe poderá salvar a vida como permitir que todos os animais do parque se abasteçam para o inverno que se aproxima. Juntamente com o seu fiel companheiro encontram o lugar dos seus sonhos, a “Cidade Perdida de Avelândia”: uma loja repleta de frutos secos - amendoins, avelãs, cajus, amêndoas... Só que esta loja não está propriamente abandonada e Surly tem de reunir uma equipa e elaborar um plano para invadir o lugar e roubar toda a comida para sobreviver ao inverno que se aproxima. Mas será este o único gangue a preparar-se para a acção? O filme é realizado por Peter Lepeniotis.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 15


16 Cultura

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

ClubES

Crianças envolvidas na Cultura no Centro Português Sergio Ferreira Soares sferreira@correiodevenezuela.com

A direcção de Cultura promove uma noite de Cinema infantil e uma jornada para despedida das férias. Na sequência da vitalidade cultural do Centro Português nos últimos meses, a direcção de Cultura promove uma tarde infantil intitulada ‘Fim de Férias’. A iniciativa, marcada para 18 de Setembro, pretende fazer com que os mais pequenos desfrutem de um momento diferente e que regressem às aulas com muito ânimo, energia e alegria. A jornada começa às duas da tarde, na zona da Fonte de Soda do referido centro social, situado na urbanização Macaracuay, a Este de Caracas, com uma diversidade de actividades como Magia, Plastimania, Folclore Infantil, Pintura e Teatro. O fim da actividade está marcado para as 8 da noite, no Salão Nobre, com a transmissão de um filme numa nova ‘Noite de Cinema’. Os pequenos desfrutarão

de pipocas, refrescos e cachorrosquentes. A actividade coloca um ponto final às diferentes iniciativas que foram promovidas durante o período de férias, tais como os workshops de férias de Teatro Infantil e as noites de Cinema Infantil. O director de Cultura, Alberto Viveiros, estende um convite a todos os associados para

que apareçam com os seus filhos nesta actividade e que os inscrevam em alguns dos grupos que começam as aulas durante os meses de Setembro e Outubro: Teatreritos, Música, Ballet e Idioma, entre outros. ‘Maléfica’ para entreter os mais pequenos Esta quinta-feira, 28 de Agosto, os

mais pequenos do Centro Português poderão desfrutar do filme ‘Maléfica’, no Cantinho da Cultura, piso 1, a partir das 6 da tarde. É a terceira sessão das ‘Noites de Cinema infantil’, que a direcção de Cultura iniciou com a finalidade de entreter os filhos dos sócios durante o período de férias e envolvêlos mais nas diferentes actividades culturais que são promovidas pela associação semana a semana. A novidade destas Noites de Cinema Infantil é que os filmes são transmitidos em língua portuguesa, com a finalidade de incentivar as crianças a estudar o idioma dos seus antepassados, conseguindo, assim, uma maior familiarização com a cultura lusitana. As jornadas incluem pipocas e refrescos para todos os participantes, de tal forma a que se sintam como se estivessem numa sala de cinema. A história do filme ‘Maléfica’ é a mesma de ‘A Bela Adormecida’, mas há uma importante alteração: O ponto de vista da narração dos acontecimentos. Desta vez, mostra-se a perspectiva da vilã, e os motivos que a levaram a ser como é. O seu coração nem sempre foi tão duro como se mostra no conhecido conto, tendo havido, sim, uma série de eventos que o endureceram. ‘Maléfica’ é uma bela jovem com um coração puro e umas assombrosas asas negras. Cresce num meio de um bosque com estranhas criaturas, até que um dia, um exército de invasores humanos põe em perigo a harmonia do país. ‘Maléfica’ converte-se em protectora do seu reino, mas no final, é objecto de uma implacável traição que endurecerá o seu coração até transformá-lo em pedra.

ClubES

Eleitas Senhorita e Mini Madeira 2014 José Manuel De Oliveira

Centro Português de Punto Fijo ofereceu uma produção musical baseada no filme Frozen O Centro Português de Punto Fijo, no Estado de Falcón, celebrou com pompa e circunstância a eleição da Senhorita Madeira, no passado domingo, 17 de Agosto, no âmbito das actividades para comemorar o

dia Região Autónoma da Madeira. No final da jornada resultaram eleitas, como Senhorita Madeira, a jovem Angélica Fátima Gonçalves Freire, de 17 anos de idade, e como Mini Madeira a menina María Isabel Da Silva, de 8 anos. Tanto as jovens como as meninas participantes realizaram vários desfiles com trajes e efectuaram provas de talento, sendo o principal o desfile em traje típico da ilha da Madeira. O jurado, que teve a seu cargo o difícil labor de avaliar e eleger as vencedoras, esteve conformado por três membros

Victoria Urdaneta

‘Ratón y Vampiro’ A peça infantil ‘Ratón y Vampiro’ inicia a nova temporada no Centro Cultural BOD e soma já mais de 3500 espectadores. Baseia-se nos contos de Yolanda Pantin, que escreveu uma história que resgata os valores da convivência e do respeito através das aventuras destes dois personagens que se conhecem para descobrir semelhanças no meio das diferenças. A directora da peça é Vyana Preti e conta com a participação de Héctor Castro como ‘Ratón’, Gerardo Soto como ‘Vampiro’, Leonardo van Schermbeek é o ‘Fantasma’, Meche Barrios é a ‘Niña’ e Daniela Martínez é uma peculiar habitante do castelo. No que diz respeito à música, um elemento muito importante na obra, é fruto do trabalho de Carlos Sánchez Torrealba, Daniel Pacheco Di Gerónimo e Andrés Barrios Galipoli. Data: Sábados e domingos, desde 16 de Agosto até 7 de Setembro, às 11:30 am Local: Centro Cultural BOD

‘El hombre que voló’

da sociedade paraguanera, tendo sido presidido por Yaneth Gomes

de Vasconcelos, luso-descendente radicada na localidade.

A peça baseia-se na obra dramática ‘Farsa del hombre que voló’ e conta com a adaptação e direcção de Jesús Colina. Esta obra chega à Sala Cabrujas como parte da programação do Cultura Chacao para esta temporada de férias. A peça conta com a produção da Coech Producciones e actuações de Alberto Rodríguez e Rafael González. Em ‘El hombre que voló’, são abordados diversos temas que enriquecerão o público infantil, como os sonhos e o estabelecimento de metas para alcançá-los, a importância do trabalho e a perseverança, e o poder da imaginação. Data: De 21 a 31 de Agosto, de quinta a domingo às 4:00 pm. Local: Sala Cabrujas.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 17


18 Opinião

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

O CORREIO da Venezuela não pode ser considerado responsável e/ou patrocinador das opiniões que são expressas neste espaço.

FinAnçAS peSSOAiS inStAntâneAS

Transferências de dinheiro à volta do mundo

Isabel Idarraga

Karina é uma comunicadora social feliz com a sua profissão. É apresentadora dum programa de rádio e professora universitária. Não domina os temas relacionados com finanças mas recentemente foi informada que é a beneficiária de uma apólice de vida que possuía a sua tia mais querida, que acaba de falecer. Para receber os fundos, deve abrir uma conta nos Estados Unidos e não faz ideia como é que se realiza este tipo de instrumentos. Actualmente, a maioria das operações financeiras à volta do mundo são efectuadas por via electrónica e os pagamentos mediante cheques decresceram por ser me-

nos eficientes e mais dispendiosos. Quase todas as transacções bancárias internacionais são realizadas através de transferências electrónicas e grande parte das que se levam a cabo dentro dos EUA também são realizadas por este meio. Para fazer transferências entre entidades financeiras situadas nos Estados Unidos, é utilizado o código ABA, também chamado código de rota. Foi criado pela American Bankers Association e serve como mecanismo de identificação de bancos ante o Banco da Reserva Federal (FED). Está conformado por nove dígitos e aparece na parte inferior dos cheques e outros documentos financeiros nos Estados

Unidos. Para enviar dinheiro dum país a outro utiliza-se a transferência de dinheiro SWIFT, que surgiu em 1974 com a fundação da Society for Worlwide Interbank Financial Telecommunication, a qual atribui códigos internacionais aos bancos do mundo e sua s diferentes agências. Este consta de 11 caracteres alfanuméricos dos quais, os primeiros quatro identificam a instituição financeira e os dois seguintes o país. Com o objectivo de facilitar a realização de pagamentos internacionais dentro dos países membros da União Europeia, foi criado o código IBAN (International Bank

Account Number), estabelecido pelo Comité Europeu de Padrões Bancários. O mesmo acrescenta, antes de cada número de conta, quatro caracteres: duas letras que identificam o país e dois dígitos de controlo para evitar erros de transcrição. As transferências bancárias electrónicas foram criadas para aumentar a segurança das operações, diminuir os custos financeiros e acelerar a recepção dos fundos. Para que uma transferência deste tipo seja levada a cabo com sucesso, é fundamental conhecer cada um dos dados necessários e assegurar-se de que sejam correctos antes de executar a transacção.

no sentido em que apenas médicos vão poder ter acesso ao documento. Se houver acessos não autorizados, o utente terá disso conhecimento, cada vez que alguém entra no testamento vital, informa fonte oficial dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, empresa pública a quem cabe a gestão dos sistemas informáticos do Ministério da Saúde de Portugal Quanto às expectativas de quantas pessoas irão recorrer a este documento, o Ministério da Saúde espera que se registem 20 a 30 mil este ano podendo ser bastantes mais, uma vez que só as Testemunhas de Jeová, interessados naturais nesta possibilidade

(devido ao seu desejo, com base religiosa, de não quererem receber transfusões sanguíneas), são cerca de 50 mil. Admite-se que o primeiro ano seja experimental, mas trata-se de uma questão educacional já que, nos países anglo-saxónicos 90% das pessoas internadas ou em lares de idosos têm estes documentos. Prevê-se que, no espaço de cinco a dez anos a adesão ao testamento vital em Portugal seja maciça. Este escritório encontra-se disponível para prestar mais informações ou aconselhamento sobre este assunto. Não hesite em contactar. Sites internet: www.legacis. eu e www.antoniodelgadoadvogado.com

JurídiCAmente FAlAndO de pOrtugAl

O testamento vital

Pedro Henriques António Delgado

Em Portugal, o registo de testamento vital passou a ser possível a partir de 1 de Julho de 2014. Também designado como Directiva Antecipada de Vontade, o testamento vital tem como objectivo deixar expressa a vontade em relação aos cuidados de saúde que se quer, ou não, receber em fim de vida, caso se esteja impossibilitado de o expressar de forma autónoma. Existindo já em países como o Reino Unido, Alemanha, Itália e Espanha, esta possibilidade legal já tinha sido criada em Portugal desde 2012 mas só agora vai passar a constar numa plataforma informática a que os médicos podem aceder para conhecer a

vontade dos doentes em final de vida. Qualquer pessoa pode fazer este testamento vital, ficando assim com uma maior garantia de que a sua vontade será conhecida pelo médico a quem este tipo de decisão possa vir a caber. No caso, por exemplo, de uma entrada na urgência de um hospital, o médico assistente em causa pode saber, por via informática, se a pessoa deixou expressa alguma vontade em relação a cuidados de saúde a receber em fim de vida. Existe liberdade de redacção do documento, mas o Ministério da Saúde aconselha o uso de um modelo em concreto. Também se prevê que a segurança do utente seja acautelada,


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 19


saúde em día

20 MISCELÂNIA

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

Anticonceptivos associados ao cancro Sergio Ferreira Soares

Um estudo recente publicado pela “Cancer Research” revela que as mulheres que tomaram, recentemente, pílulas anticoncepcionais contendo altas dosagens do harmónio estrogénio e algumas outras formulações têm risco aumentado de desenvolver cancro de mama. “O resultado sugere que os contraceptivos orais usados nos últimos anos estão associados a um risco maior, comparado com nenhum uso ou outros tipos de anticoncepcional. Esse risco pode variar, dependendo da formulação do medicamento”, disse Elisabeth F. Beaber, cientista da Divisão de Saúde Pública do Centro de Pesquisa Oncológica Fred Hutchinson em Seattle, Washington. A médica, contudo, sublinhou que a pesquisa precisa ser confirmada e deve ser interpretada de forma cautelosa. “Cancro da mama é raro entre jovens mulheres e os muitos benefícios associados ao contraceptivo oral devem ser considerados. Além disso, estudos

anteriores sugerem que o risco aumentado de cancro de mama associado aos contraceptivos declina depois que se para de tomá-los”, disse. A pesquisa conduzida por Beaber avaliou o histórico de 1.102 mulheres diagnosticadas com esse tipo de tumor e 21.952 participantes do grupo de controle. A equipe de cientistas descobriu que o uso de anticoncepcionais orais modernos com estrogénio em alta dosagem aumentou o risco de cancro de mama em 50%, com-

parado com outras fórmulas ou com mulheres que jamais haviam tomado esses medicamentos. As pacientes oncológicas da pesquisa receberam o diagnóstico entre 1990 e 2009. As pílulas contendo altas doses de estrogénio aumentaram esse risco 2,7 vezes e aquelas com dosagem moderada em 1,6 vez. Anticoncepcionais com diacetato de etinodiol aumentaram 2,6 vezes o risco, e comprimidos de combinação trifásica de uma média de 0,75 mg de noretindrona aumentaram 3,1 vezes. As pílulas anticoncepcionais que contêm estrógenio em baixa dose não influenciaram no surgimento de cancro de mama.

Pensa Verde Carla Salcedo

Energia eléctrica a partir das ondas Energias limpas. Este é um dos grandes tópicos nos quais os cientistas têm estado a trabalhar ao longo destes anos, estudando a forma mais eficaz de gerar energia de forma sustentável. E foi justamente nesse sentido que seguiu o trabalho de cientistas latinos, mais especificamente um grupo de mexicanos que, a partir de estudos realizados por outros peritos, fizeram protótipos em países como o Reino Unido, Canadá, Estados Unidos, Japão e Austrália, apesar de nenhum destes poder manter as invenções de forma permanente. Para situá-los no tema, entre a gama das energias limpas, contamos com a energia das ondas, que consiste em gerar energia eléctrica a partir do movimento das ondas, o que é engenhoso e proveitoso para todos os países que tenham litoral. Recentemente, num comunicado da Academia Mexicana das Ciências (AMC), foi divulgado que investigadores do Centro de Investigação Científica e de Educação Superior de Enseada (CICESE) criaram um aparelho para

Sabia que…?

segredos de cozinha

Carla Salcedo

O mistério dos cetáceos Mamíferos marinhos como os golfinhos e as baleias, são, há anos, o foco para os seres humanos, seja para os que apreciam vê-los nos seus habitats naturais ou simulados, seja para os que preferem ter os sons emitidos por estes seres gravados em CD, devido aos seus efeitos relaxantes, e outros ainda que se dedicam a campanhas em sua defesa ou estudam-nos para conhecê-los melhor, devido ao seu fascinante organismo. Algumas coisas já sabemos, como o facto de os golfinhos se manterem unidos em casal durante toda a vida, o facto de terem um efeito medicinal importante em patologias ligadas à paralisia, e sabe-se ainda que a sua inteligência supera a dos outros seres vivos, mas recentemente foi publicado um artigo no ‘Diário de Biologia Experimental’ onde é relatado que os golfinhos emitem pequenos gritos que são genuínas

aproveitar a energia das ondas do oeste da Península da Baixa Califórnia. Francisco Ocampo Torres, investigador do Departamento de Oceanografia Física e responsável por este projecto, chamado ‘Diseño y Desarrollo de Convertidores de Energía del Oleaje (DesCEO)’, descreveu que se trata de um aparelho composto por três dispositivos flutuantes, ligados a uma âncora. Estes três dispositivos são semelhantes a lâmpadas, que captam a energia do movimento da água e a convertem em energia eléctrica. Até hoje, não existem protótipos deste tipo a nível comercial, mas acredita-se que a sua viabilidade é uma realidade próxima. Ainda que não seja uma tecnologia ao alcance de todos, deve ser considerada um importante avanço para países como a Venezuela e inclusive Portugal, que poderão destinar alguns zonas para este fim.

expressões de prazer, associadas às emoções. Ainda que qualquer pessoa sensível ou receptiva já saiba que os golfinhos expressam o mais jubiloso prazer em certas ocasiões, o facto de se demonstrar cientificamente ajuda a entender, em parte, que têm plena consciência da sua circunstância, e que também experimentam a outra parte, a da dor e da angústia. Não passou muito tempo sobre o famoso documentário, que

muitos vetaram, sobre a vida do golfinho mais famoso do mundo, Flipper, que no final decidiu suicidar-se no fundo da piscina na qual o mantinham em cativeiro, depois de ter passado meses a demonstrar a tristeza que sentia aos seus cuidadores. Ora, quando os humanos exprimem felicidade ou prazer, há um atraso de 100 a 200 a milésimos de segundo do momento do evento ao momento do som de felicidade emitido que leva à libertação do composto de dopamina no cérebro. E os cientistas descobriram que os golfinhos sentem o mesmo prazer que os humanos graças a este atraso na resposta a um evento de prazer: Cerca de 200 milésimos de segundo, em média. Como consequência, estudiosos do tema consideram que quanto mais se sabe sobre os golfinhos e as baleias, mais estes se parecem com os seres humanos.

Rolinhos de Peixe Espada com Gambas Receita por: Ângelo Edgar Moniz Prato elaborado por: Cozinheiro David Silva - Four Views Hotels

Ingredientes

4 Filetes de espada 4 Gambas 1 Limão (sumo) Sal e pimenta q.b. Açafrão Salsa picada 1 Embalagem molho bechamel

Preparação

1

Tempere os filetes com o sumo de limão, sal e pimenta.

2

Enrole as gambas descascadas nos filetes.

3

Numa panela leve ao lume o molho bechamel misturado com o açafrão, mexendo cerca de 1 minuto. Num pirex coloque os rolinhos e cobrimos com o molho bechamel, a salsa picada e levamos ao forno. Acompanhe com legumes ao vapor.

4 5


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Publicidade 21


22 Desporto

Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014 | Correio da Venezuela

Portugal

FuteBoL

Gomes assume má participação no Mundial Brasil 2014

O campeão Benfica suou para vender o Boavista. FOTO DR

PriMeirA LiGA

Quinteto na liderança à segunda jornada CORREIO / LUSA

Benfica e FC Porto são acompanhados por V. Guimarães, Rio Ave e Belenenses no topo da tabela Rio Ave, Belenenses e Benfica juntaram-se, no domingo, 24 de Agosto, a Vitória de Guimarães e FC Porto na liderança repartida da I Liga portuguesa de futebol, somando por vitórias os jogos disputados, à segunda jornada. No escalonamento da tabela, o Rio Ave destronou o Vitória de Guimarães e é agora o primeiro classificado, devido à melhor diferença entre golos marcados e sofridos, muito por culpa da goleada infligida em casa do Estoril-Praia (5-1). O egípcio Hassan, que concretizou um “hat-trick” em três remates à baliza do Estoril-Praia, foi o jogador em evidência na formação vila-condense, que marcou ainda mais duas vezes, ambas por Pedro Moreira. João Pedro Galvão ainda reduziu para a equipa da casa. A vitória gorda da equipa de Pedro Martins, que na primeira

jornada tinha vencido em casa o Vitória de Setúbal (2-0), abre boas perspectivas para o jogo da segunda mão do “play-off” de acesso à Liga Europa frente aos suecos do Elfsborg. O campeão Benfica “apadrinhou” a estreia em casa do regressado Boavista e, feita a adaptação ao sintético do Bessa, sentenciou a partida com uma “bomba” de Eliseu, aos 44 minutos, que garantiu a vitória por 1-0. O Boavista demonstrou uma boa atitude, mas foi impotente para contrariar o maior ascendente do Benfica - que viu o treinador Jorge Jesus remetido para a bancada ao intervalo - e evitar a segunda derrota. Por seu lado, o Belenenses, orientado por Lito Vidigal, deu sequência ao bom início de época e somou também a segunda vitória, ao receber e vencer por 3-1 o europeu Nacional, que ainda não conseguiu somar qualquer ponto. O conjunto de Belém repetiu, assim, os números da primeira ronda, em Penafiel, com golos de Deyverson (14 minutos), Rodrigo Dantas (34) e Fredy (70), tendo Marco Matias (57), de grande penalidade, reduzido para os madeirenses, que jogaram praticamente todo o segundo tempo com menos um elemento, devido à expul-

são de Aly Ghazal. O Vitória de Setúbal, que na primeira ronda havia perdido em casa do Rio Ave, por 2-0, conseguiu amealhar os primeiros três pontos na Liga ao vencer em casa o Gil Vicente, por 2-0. Miguel Pedro, aos 22 minutos, e João Schmidt, aos 77, de grande penalidade, selaram o triunfo do “onze” de Domingos Paciência. O Gil Vicente continua sem pontuar, já que há uma semana se havia estreado com um desaire caseiro face ao Vitória de Guimarães, por 3-1. O FC Porto (1-0 em Paços de Ferreira, com um tento de Jackson Martinez), no sábado, e o Vitória de Guimarães (3-0 ao Penafiel, na sexta-feira, com “bis” de Bernard) já tinham garantido o pleno de triunfos. Também no sábado, o Sporting somou o primeiro triunfo (1-0 ao Arouca), graças a um golo de Carlos Mané aos 90+3 minutos, depois de o regressado Nani falhar um penálti, tal como o Marítimo, vencedor por 2-1 na recepção à Académica. O Moreirense e o Sporting de Braga empataram 0-0, no encontro que encerrou a segunda jornada da I Liga de futebol, disputado em Moreira de Cónegos, na segunda-feira, 25 de Agosto.

Líder da FPF anunciou a criação de uma “unidade de saúde e performance”. CORREIO / LUSA

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, assumiu, na terça-feira, 26 de Agosto, que a selecção lusa falhou o “objectivo mínimo” no Mundial2014 e anunciou a criação de uma “unidade de saúde e performance”. “Decidimos intervir numa área que durante 14 anos esteve sem mudanças e optámos por dar um salto em frente. Criámos a unidade de saúde e performance”, afirmou Fernando Gomes numa conferência de imprensa realizada na sede do organismo. Essa nova unidade irá ser encabeçada pelo médico José Carlos Noronha e estará em funcionamento a 2 de Setembro, data

O treinador do Benfica foi, terça-feira, 26 de Agosto, punido com advertência e multa, na sequência da sua expulsão no domingo, frente ao Boavista, e pode dirigir os “encarnados” contra o Sporting, na terceira jornada da I Liga. O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) entendeu que os motivos para a expulsão de Jorge Jesus no último domingo, em partida da segunda ronda, merecem uma advertência e uma multa no valor de 153 euros, pelo que poderá se sentar no banco, no domingo, no Estádio da Luz.

em que Portugal começará a preparar o encontro frente à Albânia, o primeiro de qualificação para o Euro2016. Fernando Gomes, que falava aos jornalistas exactamente dois meses após a eliminação de Portugal na fase de grupos do Campeonato do Mundo, que decorreu no Brasil, revelou também a existência de um gabinete coordenador técnico nacional, que irá englobar todas a selecções e que será liderada por Paulo Bento, que terá a companhia de Ilídio Vale e Rui Jorge. O presidente da FPF negou ainda que os locais onde a selecção nacional estagiou antes do Mundial2013 tenham “determinado os maus resultados desportivos”.

soltas O FC Porto qualificou-se, terça-feira, 26 de Agosto, pela 19.ª vez para a fase de grupos da Liga dos Campeões em futebol, ao vencer em casa os franceses do Lille por 2-0, em encontro da segunda mão do “play-off”. O Zenit, equipa russa orientada pelo português André VillasBoas, qualificou-se, terça-feira, 26 de Agosto, para a fase de grupos da Liga dos Campeões, ao vencer em casa o Standard Liège por 3-0.


Correio da Venezuela | Quinta-feira 28 de Agosto a Quarta-feira 3 de Setembro de 2014

Desporto 23 Venezuela

Torneio Clausura

Mérida e Táchira no comando

soltas

Fernando Camara fcamara@correiodevenezuela.com

O Carabobo somou os primeiros três pontos graças à vitória sobre o Deportivo Lara A terceira jornada do Torneio Clausura de Futebol, disputada no passado fim-de-semana, 23 e 24 de Agosto, contou com sete encontros. O destaque da ronda cabe ao Estudiantes de Mérida, fruto da vitória arrancada na visita ao Deportivo La Guaira e que permitiu alcançar o Deportivo Táchira no topo da classificação. Antes, em acerto de contas, na quarta-feira, 13 de Agosto, o Caracas FC bateu, por 3-1, o Metropolitanos, no Estádio Olímpico da UCV. Jorge Rojas inaugurou o marcador aos 14´ para os ‘violetas’. Giácomo Di Giorgi, aos 43´; Nicolás Bubas na própria baliza, aos 60´, e Roberto Tucker, aos 61´, deram a volta ao resultado. Já no sábado, 23, no Brígido Iriarte, o Estudiantes de Mérida venceu por 1-2 o Deportivo La Guaira. Jesús González bisou (29´ e 60´), enquanto que Franklin Lucena anotou aos 32´ para o conjunto local, que teve como titular o luso-

O piloto venezuelano Johnny Cecotto conseguiu dois pódios no Grande Prémio da Bélgica, que se realizou no circuito de Spafrancorchamps. Na corrida de sábado, 23 de Agosto, o piloto terminou em terceiro lugar, e em segundo na prova realizada no dia seguinte. Com os pontos obtidos, o piloto soma 127 pontos e ocupa a quarta posição na classificação. descendente Pablo Camacho, que foi substituído aos 63´. O Aragua FC e o Mineros de Guayana empataram a duas bolas, no Hermanos Ghersi de Maracay. Bareiro e Quintero assinaram os golos do ‘onze’ caseiro, aos 7´ e 56´, respectivamente. Luis Vallenilla e Luis Guerra anotaram pela equipa guayanesa aos 12´ e 48´. No estádio José Antonio Anzoátegui de Puerto La Cruz, o Deportivo Anzoátegui venceu, por 1-0, o Deportivo Petare. Edwin Aguilar marcou o único golo do partida aos 65´. O luso-descendente Ricardo Martins jogou os noventa minutos pela equipa oriental.

Já no domingo, 24, no Pachencho Romero de Maracaibo, o Llaneros de Guanare derrotou, por 0-1, o Zulia FC, graças ao golo de Ronald Rojas, aos 60´. No Antonio José de Sucre, o Tucanes de Amazonas impôs-se por 1-0 frente ao Atlético Venezuela. Sergio Golindano, aos 73´, assinou o único tento do jogo. Na equipa ‘nacional’, o luso-descendente Daniel Da Silva entrou aos 68´. O Deportivo Táchira e o Portuguesa empataram 1-1, em Pueblo Nuevo. José Luis Tancredi inaugurou o marcador para a equipa ‘aurinegra’, 34´. Mas Raigel Márquez conseguiu repor a igualdade aos

Natação

Atletas do CP destacam-se em competições nacionais Fernando Camara fcamara@correiodevenezuela.com

O Centro Português participou em duas competições: Campeonato Nacional de Natação e I Copa Máster de Chacao O Campeonato Nacional de Natação, que se realizou na quartafeira, 12 de Agosto, na cidade de Cumaná, Estado de Sucre, contou

com a participação de dois nadadores do Centro Português (CP) na categoria Infantil A, a qual se destina a crianças com idades compreendidas entre os 10 e 11 anos.

Ana Patricia Joaquín competiu em seis provas, nas quais logrou alcançar os tempos mínimos requeridos para participar na Copa da Federação, que se disputará

55´. O Carabobo do luso-venezuelano Jhonny Ferreira venceu por 0-1 o Deportivo Lara, no Estádio Metropolitano de Cabudare, graças ao golo do juvenil Hermes Romero, anotado aos 59´. O jogo Trujillanos-Zamora foi adiado para 29 de Outubro devido à participação dos ‘Guerreros de la Montaña’ na Copa Sul-americana. Assim ficou a classificação: Táchira, 7; Mérida, 7; Mineros, 5; Portuguesa, 5; Tucanes, 5; Carabobo, 4; La Guaira, 4; Petare, 4; Caracas, 3; Trujillanos, 3; Anzoátegui, 3; Llaneros, 3; Atlético, 3; Zamora, 2; Aragua, 2; Lara, 2; Metropolitanos, 1 e Zulia, 0.

em Dezembro. Já Juan Andrés de Farías participou em cinco competições e, igualmente, conseguiu a marca necessária para se classificar para a Copa FEVEDA. Em termos de classificação, Joaquín ficou em sexta lugar e De Farias na oitava. No sábado, 16 de Agosto, teve lugar a I Copa Máster de Chacao 2014. Nove escolas de natação competiram na prova, entre elas a do CP, que competiram nas modalidades: 25 metros livres; 25 metros mariposa; 25 metros bruços; 25 metros costas e 50 metros livres, alem dos relevos livres e estilos por somatório de idades. As categorias foram as seguintes: MASTER A: 25-29, MASTER B: 30-34, MASTER C: 35-39, MASTER D: 40-44, MASTER E: 45-49, MASTER F: 50-54, MASTER G: 55-59, MASTER H: 60-64 y MASTER I: 65-69 O CP participou com 16 atletas e seis deles terminaram no pódio: Sergio Fernández, Katerine Monteverde, Julia De Sousa, Lidia Dos Santos e Filomena De Sousa, de 69 años.

No domingo, 24 de Agosto, Alberto Callaspo falhou o triplo que lhe permitiria alcançar a ‘escalera’. Bateu de 4-3 com um ‘sencillo’, ‘doble’ e ‘jonrón’, e ‘remolcó’ duas corridas, na derrota por 9-4 da sua equipa, do Atléticos de Oakland sobre os Angelinos de Los Ángeles de Anaheim.

Carlos Claverie encerrou a sua actuação nos Jogos Olímpicos da Juventude Nanjing 2014 com a conquista de duas medalhas de prata e uma de bronze nos 50, 100 e 200 metros bruços, respectivamente. Superou Carlos Quintero como o venezuelano com mais troféus nuns Jogos Olímpicos, que venceu duas na mesma categoria.


imagens da semana Venezuela quer reduzir à metade o número de cidadãos obesos A Venezuela iniciou, na terça-feira, 26 de Agosto, uma campanha para reduzir a metade, até 2019, a obesidade, doença que afeta 38,6% dos 30,2 milhões de cidadãos que residem no país, entre eles mais de 600 mil portugueses. A campanha foi desenvolvida pelo Instituto Nacional de Nutrição (INN) e procura promover hábitos alimentares com baixos índices de gordura e açúcares e o consumo de frutas e hortaliças. Por outro lado, é promovida a prática de exercício físico que atenuem as possibilidades de desenvolver diabetes, hipertensão arterial, problemas cardíacos, osteoporose e alguns tipos de cancro, que deterioram a qualidade de vida das pessoas e aumentam as possibilidades de morte prematura.

eles respondem

P r ê m i o Ta l e n t o C o m u n i c a ç ã o S o c i a l 2 0 0 9

#OPINA ¿Fue usted fanático del C.S. Marítimo de Venezuela? ¿Qué recuerda de aquella época?

Lusos abrem caminho para tratamento de leucemia infantil

Manuel De Nobrega: Inolvidable. Siempre mi padre me llevaba al Universitario o a El Paraíso a ver al glorioso Marítimo. Deseaba otra vez que se conformara el equipo eterno. Eddy Ch: ¿De qué época del Marítimo es esa foto? Correio de Venezuela / @correiodvzla

Uma equipa de investigadores portugueses descobriu como travar a evolução de um tipo de leucemia frequente nas crianças, através da utilização de um composto farmacológico, abrindo portas ao desenvolvimento de uma terapêutica alternativa à existente atualmente, foi anunciado na terça-feira, 26 de Agosto. O trabalho foi desenvolvido por uma equipa de investigadores do Instituto de Medicina Molecular (IMM) da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, sob a coordenação de João Taborda Barata, com “resultados bastante promissores no que respeita ao potencial desenvolvimento de uma terapêutica alternativa para tratamento da leucemia linfoblástica aguda de células T (LLA-T), um tipo de leucemia bastante frequente em crianças”, revela o instituto.

Angelo Pombo: ¡El grande Marítimo de Venezuela! Tiempos aquellos. Muchos recuerdos. Siempre lo llevamos en el corazón. Como Marítimo no hay otro igual.

Portus Madrid: El glorioso Marítimo de Venezuela Erwin Da Costa: Ojala pudiesen los especialistas levantar de nuevo ese equipo. Yo tuve oportunidad de probar en las categorías menores. Laura Teixeira: Mi papá si lo era. No se perdía un partido de ellos en Caracas. Marisela Rodriguez: Una gran epocaaa.. inolvidable

Correio da Venezuela 571  

Edición 571

Correio da Venezuela 571  

Edición 571

Advertisement