Page 1

www.correiodevenezuela.com

Rif.: J-40058840-5

P r é m i o Ta l e n t o d a C o m u n i c a ç ã o S o c i a l 2 0 0 9 Caracas, Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014 • Publicação Semanal Nº 554

Ano 14 • Depósito Legal: 199901DF222 • BsF. 10

Academias da Espetada trabalham a todo o gás

Pág.4

cultura / Pág. 14

Andrea Imaginario actua em Guayana

venezuela / Pág. 3

Lisboa comemorou os 204 anos do 19 de Abril A Embaixada da Venezuela em Portugal comemorou o início do processo independentista venezuelano com a inauguração de uma exposição fotográfica na Casa do Alentejo em Lisboa.

comunidade / Pág. 4

IPC recordou a conquista da liberdade Portugal / Pág. 10

Governo deverá baixar impostos a partir de 2015 O ministro da Economia, António Pires de Lima, afirmou que os portugueses podem estar confiantes na recuperação económica do país.

clubes / Pág. 5

Casa de Aragua celebrou 49 anos pub

Já arrancou a III Fase do Plano de Investimentos em Puerto Ordaz Graças ao contributo de capital disponibilizado por cada sócio, a remodelação da Casa Clube do Centro Português Venezuelano de Guayana já está a converter-se em realidade. O projecto, liderado pela junta directiva, começa a tomar forma e a mostrar o que no futuro poderá oferecer em termos de bem-estar a todos os associados da instituição. Pág. 6

venezuela / Pág. 63

Um milhão de Canaimitas montados em Caracas O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Manuel Fernández, e o ministro da Educação, Héctor Rodríguez, encabeçaram a montagem do computador Canaima número um milhão, no Complexo Tecnológico Simón Rodríguez em La Carlota, na passada sexta-feira, 25 de Abril.

cultura / Pág. 16

‘25 de Abril: Sempre’ no Celarg desPorto / Pág. 22

Benfica ‘rouba’ outra meia-final ao FC Porto


2

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

a semana

fotoflash

N

um momento em que, em Portugal, se começa a falar de retoma e de alguma luz no fundo do túnel, eis que o Governo da República resolve anunciar aumentos de impostos directos. Um que mexe uma vez mais nos bolsos dos portugueses, já que tornam os produtos de consumo mais caros, por via do aumento do IVA. Outro que corta nos salários já que a Taxa Social Única paga pelos empresários sobre os rendimentos auferidos pelos seus trabalhadores aumenta, Se bem que não tenha necessariamente uma repercussão directa, no emagrecimento dos ordenados, o certo é que colocará uma vez mais um travão à admissão de novos funcionários nas empresas, face ao crescimento da responsabilidade fiscal que continua a recair sobre as empresas. Pouco mais a dizer sobre uma medida que é anunciada na véspera do ‘Dia do Trabalhador’ e que deixa todos quantos se assumem como tal com pouca vontade para a celebração da efeméride. E já começam a ser poucos, face ao número de desempregados que, certamente, poucos motivos têm para celebrar. Aqui fica o reparo, porque quem não se sente não é filho de boa gente. Basta de recair sempre sobre os mesmos o pagamento das dívidas do passado, das más gestões e dos festins do Poder, quando outros, porque nem sempre são os mesmos, esbanjaram obra e mostravam aos Portugueses as vias do progresso. Um progresso que ficou para pagar numa obra alavancada com direitos europeus, cuja chegada também nos trouxe algo de perverso e viciante na forma de lidar com a nova obra que serviu para ganhar votos.

M

as se esse é o apontamento menos feliz, a abrir este mês de Maio, dedicado a Fátima e a outros motivos que unem a Alma Portuguesa, há outros motivos que devemos festejar e nos abrir ao mundo e com ele comungar o que de bom temos. Celebraram-se 40 anos de Abril. Uma celebração envergonhada, entre nós, mas que devemos repercutir, no que a Revolução dos Capitães teve de libertador para o nosso País e, nomeadamente para os Emigrantes que, mais do que muitos dos outros conterrâneos, sentiam na pele as vicissitudes de um regime e de um tempo em que este País vestia de negro, de escuro se apresentava, chorando mágoas e miséria e a perda dos seus filhos em terras de África que servia apenas para uns poucos enriquecerem. Fica-nos contudo a memória de um tempo de contas certinhas, de gente mais conformada com as boas maneiras de um povo de brandos costumes, mas sério e honesto, dado ao trabalho e ciente de que para progredir e ganhar um melhor estatuto de sobrevivência tinha de emigrar. Foi esse propósito que levou para fora de Portugal milhares de Portugueses, sobretudo oriundos de zonas mais pobres do País. Gente honrada e trabalhadora que tem ajudado muitos países a crescer, que cresceram com eles, e que hoje se assumem como parte do progresso mundial que envolve os países mais desenvolvidos do mundo. A Epopeia de Além-Mar não foi um exclusivo dos Álvares Cabral, nem dos Vascos da Gama. Os Freitas, os Silvas, os Vieiras e outros de ressonância silábica latina e criada em terras do rectângulo ibérico, trouxeram ânimo, progresso e conhecimento a outros povos que nos reconhecem e nos querem juntos. Abril devolveu-nos a notoriedade entre os países que outrora nos olhavam de soslaio, porque caminhávamos por caminhos que a comunidade internacional condenava. Caminhámos em 40 anos de conquistas, é verdade. Mas nem sempre pelo melhor caminho. As divergências político-partidárias a que não estávamos habituados, misturadas com alguns ‘chicos espertos’ que se acham sempre mais à frente, conduziram-nos para caminhos menos aconselháveis, dos quais estamos agora a regressar por estrada mais segura e com atitude mais cautelosa. É esta a lição que se tem de Abril. Um regresso a um patamar de esperança. Só é pena que tenhamos demorado tanto tempo a aprender uma lição, que no despontar da liberdade outros nos avisaram que seguíamos por maus caminhos. Mais vale tarde que nunca. E este retorno é bem a prova que deveríamos ter apostado mais na comunidade multicultural e multiregional que constitui a comunidade portuguesa espalhada pelo mundo. Não é distanciando os Portugueses que se ganha mais Pátria. É unindo os Portugueses que realizamos o desígnio de um Portugal coeso e interessado na resolução dos seus problemas e na afirmação estrutural de uma nação que se revê e constrói com valores de humildade e de trabalho, com bons resultados entre os melhores, mesmo neste tempo novo das tecnologias e da implosão do conhecimento.

Grupo Editorial

www.correiodevenezuela.com Rif.: J-40058840-5

Director Aleixo Vieira Subdirector Agostinho Silva Gerente: Carla Vieira Editor Sergio Ferreira Soares Endereço: Av. Veracruz. Edif. La Hacienda. Piso 5, ofic. 35F. Las Mercedes, Caracas. Telefones: (0212) 9932026 / 9571 Telefax: (0212) 9916448 E-mail: editorial@correiodevenezuela.com

Portugal voltou à Eurovisão A cidade de Copenhaga, na Dinamarca, receberá na próxima semana a 59ª Edição do Festival da Canção da Eurovisão, que desta vez é marcado pelo regresso de Portugal, depois da sua ausência no ano passado devido à grave crise económica que abalou, e ainda afecta, o País e os Portugueses. Vai defender as cores nacionais Susana Guerra, conhecida por Susy, que levará a concurso a canção “Quero ser Tua”. Recorde-se que a artista ganhou 41% do júri nacional em Portugal, aquando do apuramento. Trata-se de uma canção de ritmos latinos que põe a dançar todos quantos a escutam. Para que seja possível o triunfo da jovem portuguesa, ela terá de superar a semi-final do dia 6 de Maio, onde disputa o lugar com a Arménia, Suécia, Noruega e Hungria. Se passar, claro, estará a disputar a etapa final no dia 10 de Maio.

destaque

voz do leitor

Hasteemos a Bandeira! Celebrou-se na semana passada mais um ano sobre o 25 de Abril de 1974, data que mudou a vida de muitos Portugueses, com a Revolução dos Cravos. Bom, não se celebrou… Deveria escrever comemorou-se porque este ano foi vergonhoso, pois os programas de celebrações foram poucos nesse dia em território venezuelano. Parece mentira, mas pouco a pouco os Portugueses vão perdendo as suas raízes e deixam de praticar algumas coisas que são próprias da sua cultura. Muitos venezuelanos consideram que Portugal é apenas sinónimo da Virgem de Fátima e se identifica mais com o bacalhau e as padarias. E como irão deixar de pensar assim, se são esses os únicos hábitos que conservam?!...

Ficamos envergonhados quando os Portugueses, como nós, se esquecem de tantas coisas belas que nos identificam como sociedade, como raça: desde os nossos bailes típicos até à nossa gastronomia; desde as nossas guerras em que intervimos no passado, em que vencemos opositores fortes, até às efemérides mais modernas; desde a nossa música até à nossa literatura. O Portugal que se vive hoje é um País muito diferente daquele que os venezuelanos e os lusitanos radicados em Venezuela têm na sua cabeça… É chegado o momento de virar-se para um país moderno, cheio de cultura e de milhares de razões que nos deixam orgulhosos pelas nossas raízes. José Manuel Goncalves

Chefe de redacção Sergio Ferreira Soares |Jornalistas Carla Salcedo Leal, Victoria Urdaneta, Jean Carlos de Abreu, Kenner Prieto, Antonio Da Silva |Correspondentes Edgar Barreto (Falcón), Carlos Balaguera (Carabobo), Sandra De Andrade (Aragua), Sandra Rodríguez (La Victoria), Trinidad Macedo (Lara), Silvia K. Gonçalves (Bolívar), Ricardo Santos (Nueva Esparta), Luis Canha (Mérida), Daniela García (Miranda), Antonio Dos Santos (Zulia) |Colaborações Catanho Fernandes, Arelys Gonçalves, Antonio López Villegas, Isabel Idárraga, |Administração Ma.Fernanda Pulido |Publicidade e Marketing Carla Vieira |Paginação Elsa de Sá |Fotografia Francisco Garrett |Distribuição Luis Alvarado, Carlos Agostinho Perregil R. |Impressão Cadena Capriles, Operadora La Urbina C.A. Caracas -Venezuela |Tiragem 15.000 exemplares |Fontes de Informação Agência Lusa, Diário de Notícias, Diário de Notícias da Madeira, Ilhapress, Portuguese News Network e intercâmbio com publicações em língua portuguesa.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Correio da Venezuela

3

Venezuela Ensino

Um milhão de Canaimitas montados em Caracas Desde 2008, foram entregues mais de três milhões de unidades para aprendizagem nas escolas. Carla salcedo Leal csalcedo@correiodevenezuela.com

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Manuel Fernández, e o ministro da Educação, Héctor Rodríguez, encabeçaram a montagem do computador Canaima número um milhão, no Complexo Tecnológico Simón Rodríguez em La Carlota, na passada sextafeira, 25 de Abril. Até à data, já foram montados na Venezuela pelo menos 1.004.523 Canaimitas, um projecto que começou em 2008 como parte dos convénios entre a Venezuela e Portugal, e que até agora permitiu que mais de três milhões de crianças do sistema de educação público contem com este recurso que lhes facilita a aprendizagem em diferentes áreas da educação. A montagem de computadores Canaima conseguiu, em 2011, altura em que se iniciou o processo directamente na Venezuela, uma produção de 50.257 computadores, enquanto em 2012 foi aumentado em 170.688, e em 2013, para 587.090. Durante a iniciativa, foi aprovada a soma de 2.806.894.640 de bolívares para o financiamento e dotação de computadores para a população estudantil venezuelana, valor com o qual será coberta, praticamente na sua totalidade, a procura dos colégios públicos em

todo o território nacional. Manuel Fernández acrescentou que os recursos provêm do Fundo Científico, constituído por contributos gerados pela aplicação da Lei Orgânica de Ciência, Tecnologia e Inovação. Capacitação docente Entretanto, o grupo Fé e Alegria informou, através de um comunicado, que no passado dia 24 de Março, um grupo de docentes marcou presença no escritório de Caracas deste organismo a fim de participar no ‘Projecto Canaima Educativa’, com a finalidade de reforçar os conhecimentos de informática, partilhar experiências e adquirir

novas técnicas para colocá-las em prática em cada um dos centros nos quais se utilizam ‘canaimitas’. Dinora Padilla, coordenadora pedagógica de Informática Educativa da Direcção Nacional de Escolas de Fé e Alegria, informou que a actividade realizada teve o objectivo de incorporar o projecto desde a Primária até à Técnica, enquanto Luis Fontalvo, coordenador do Projecto Canaima Educativa do Ministério do Poder Popular para a Educação, destacou que este tipo de cursos facilita a formação de promotores de informática nos centros educativos, sobre como incorporar o Projecto Canaima na gestão da aula.

Ensino

Assinatura da acta da independência venezuelana recordada em Lisboa Correio de Venezuela

No âmbito do 204.º aniversário do 19 de Abril de 1810, a Embaixada da República Bolivariana da Venezuela em Portugal comemorou o início do processo independentista venezuelano com a inauguração de uma exposição fotográfica na Casa do Alentejo em Lisboa, na passada terça-feira, 22 de Abril. A exposição fotográfica foi composta com obras de Roberto Colantoni, pertencentes à série ‘Venezuela Terra

Mágica’ e também pela mostra litográfica denominada ‘Imagens do Território Venezuelano’, composta por 41 obras da plástica nacional compiladas pela Missão Cultura, que conta com reproduções de obras de reconhecidos artistas como Camile Pissarro, Martín Tovar y Tovar, Federico Brandt, Jean Baptiste, Pedro León Castro, Armando Reveron, entre outros. Este evento contou com a participação do Conselho Português para a Paz e a Cooperação (CPPC), cujo vice-

presidente, Batista Alves, deu início ao evento com as boas vindas aos participantes, e ressaltou a importância desta data pátria para todos os venezuelanos. Por seu turno, o embaixador da Venezuela em Portugal, general em chefe Lucas Rincón Romero, agradeceu a presença do público e o seu interesse em conhecer não só a riqueza e a diversidade cultural venezuelana, mas também a sua história, e o que significou para o país o primeiro passo rumo à independência.

Breves

Aumento de 30% no salário mínimo e pensões O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou terça-feira, 29 de Abril, um aumento de 30% já a partir de 1 de Maio do salário mínimo e das pensões. “Decidi aumentar o salário mínimo nacional e as pensões em 30%, para levar o salário e as pensões a níveis de defesa necessários para a vida do nosso povo”, disse. Segundo o Presidente, o novo salário mínimo dos venezuelanos será de 4.251,78 bolívares (bs), mais 1.351 Bs que serão pagos através de senhas de alimentação, o que totaliza 5.602,78 Bs. O Presidente falava em Caracas num encontro com grupos de trabalhadores que aplaudiram a decisão de Nicolás Maduro, enquanto o chefe de Estado aos sectores empresariais do país para se unirem e impulsionarem a produção nacional.

Federação Médica exige melhorias salariais O presidente da Federação Médica Venezuelana, Douglas León Natera, exigiu melhorias salariais para os médicos, em declarações produzidas no quadro do Dia Internacional do Trabalhador, que se celebra no próximo 1 de Maio. O bloco gremial e sindical do sector da saúde participará na mobilização que se realizará desde Parque del Este até o Unicentro El Marqués, com o fim de exigir melhorias salariais e maior atenção à crise hospitalar que se atravessa no país. O responsável assegurou que as instituições públicas “estão em morte lenta”, tendo ainda enfatizado a preocupação do sector da saúde com a situação dos pacientes.

Reduzida escassez de produtos em Março A escassez de produtos básicos na Venezuela registou uma redução em Março da ordem de 26,9%, depois de haver alcançado um recorde de 29,4% um mês antes, disse o vice-presidente da Área Económica, Rafael Ramírez. “Estávamos numa posição ascendente, mas em Março é a primeira vez que baixa tão abruptamente”, disse Ramírez numa entrevista publicada na segundafeira, 28 de Abril, no diário económico El Mundo. O índice de 26,9% registado no mês passado implica que um em cada quatro produtos estão em falta nas prateleiras dos comerciantes a pesar dos esforços do governo nacional para facilitar as importações que o país carece devido à sua débil capacidade produtiva.


4

Correio da venezuela

venezuela

comunidade

IPC recordou a conquista da liberdade

O Instituto Português de Cultura organizou uma série de eventos para comemorar o 25 de Abril. Victoria urdaneta vurdaneta@correiodevenezuela.com

a colocação de uma oferta floral na Praça luís de Camões em Macaracuay, e a participação do Grupo Coral do Centro Português, marcaram o início dos eventos organizados pelo Instituto Português de Cultura (IPC) no âmbito das comemorações do 25 de abril, data que marcou o fim da ditadura salazarista, em 1974. “Desde há muitos anos que celebramos esta data, porque a história é parte da cultura, e como somos um instituto cultural, sentimos a necessidade de assinalar esse facto tão importante que revolucionou Portugal há 40 anos.” nessa mesma data, à noite, foi inaugurada a exposição ‘así se conquistó la libertad’ (‘assim se conquistou a liberdade’), e José Carlos Rebelo animou a sessão com a sua voz e uma guitarra. “a mostra é composta por fotos pedidas a Portugal, e foram tiradas entre 25 de abril e 1 de Maio de 1974. estão colocadas por ordem cronológica, de modo a ‘contar’ a história”, explicou João da Costa, presidente do IPC, a quem as imagens trouxeram à memória um momento muito significativo. “Isto faz-me recordar quando me deram a notícia: estava em Caracas e

Damas promovem bingo anual A Sociedade de Beneficência de Damas Portuguesas, presidida por Teresa de Fernandes, promove o seu tradicional “Bingo Aniversário”, na quinta-feira, 15 de Maio, a partir das 2:30pm, no Salão Nobre do Centro Português, em Caracas. A entrada para participar nesta jornada de beneficência custa 500 bs e os montantes angariados serão destinados ao Lar Padre Joaquim Ferreira.

Já passaram 42 anos desde a fundação da antiga Associação Desportiva Luso Venezuelana (ADLV), hoje Centro Marítimo da Venezuela, pelo que os seus accionistas preparam-se para celebrar em grande, no próximo domingo, 4 de Maio, a partir das 3 da tarde. A jornada, que inicialmente estava agendada para o domingo, 20 de Abril e foi adiada devido ao falecimento de José Rodrígues, contará com diversas apresentações musicais, assim como entrega de reconhecimentos.

Festas de Fátima em Puerto Cabello comecei a chorar de felicidade.” nessa altura, Costa pertencia à Junta Patriótica Portuguesa, criada em 1959, e “dedicada a reclamar os direitos dos presos políticos e a divulgar a luta que se fazia em Portugal, inclusive na rádio, através de um programa que se manteve com muitas dificuldades económicas, na emissora Cronoradar”.

academias da espetada trabalham a todo o gás Em Caracas, Maracay, Barquisimeto e Guayana, as mulheres portuguesas continuam a contribuir com o seu grão de areia em prol dos mais necessitados.

uma das instituições de beneficência que tem conhecido maior crescimento nos últimos 10 anos é a academia da espetada, formada por um grupo de mulheres lusitanas que se reúnem mensalmente numa tertúlia com a finalidade de reunir fundos em benefício de diversos projectos. Mas o início

Breves

Centro Marítimo celebra 42.º aniversário

Beneficência

Sergio ferreira Soares sferreira@correiodevenezuela.com

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

deste ano ficou marcado pela ausência de actividades ou a escassa adesão de pessoas às tertúlias mensais devido aos protestos de rua. a academia da espetada de Maracay, presidida por ana Maria de abreu, estendeu um convite às suas amigas para que participem no rosário que se realizará a 5 de Maio, pelas 6:30 da tarde, na Casa Portuguesa de aragua, dando início às actividades

a noite comemorativa também incluiu a projecção do filme ‘a Gaiola Dourada’, seguida do debate ‘Cinema e emigração’. a história do filme, falado em francês, e dirigido por Ruben alves, relata os detalhes da emigração portuguesa em França. Foi visto por mais de dois milhões de pessoas em Portugal, França, luxemburgo, Suíça, entre outros países.

programadas pela Comissão virgem de Fátima. Posteriormente, no dia 15 de Maio, apoiarão a apresentação da primeira obra musical teatral sobre as aparições de Fátima. Por seu turno, a academia da espetada de Guayana, presidida por Silvina Fonseca, encontra-se a finalizar os detalhes da tertúlia referente ao mês de Maio. no passado domingo, 27 de abril, levou a cabo o seu Segundo Festival da Sopa ‘Rio Caribe’. a academia da espetada de Caracas, presidida por Sílvia Henriques, prepara-se para celebrar os seus primeiros cinco anos de trabalho ininterrupto: O primeiro evento será a tertúlia aniversário, a 18 de Maio, a partir da uma da tarde, no Salão Río Manzanares do Hotel Gran Meliá e terá um custo por pessoa de 1200 bolívares. Posteriormente, as amigas promoverão o Congresso sobre Jovens luso-descendentes, no sábado, 31 de Maio, a partir das 8:30 da manhã, no Salão Ocamo II do hotel caraquenho.

A cidade de Puerto Cabello, no Estado Carabobo, receberá as XL Festividades em Honra de Nossa Senhora de Fátima a 9 de Maio. A comissão organizadora informou que a peregrinação, começou a 28 de Abril, na Unidade Educativa Valle Verde e prosseguiu pelas localidades de Las Tablas e La Belisa. A 2 de Maio, a imagem da Virgem será trasladada para o Corpo de Bombeiros do Centro, para posteriormente seguir o seu percurso pela Via CRPU, El Palito, centro histórico e a avenida La Paz. Finalmente, a 9 de Maio, chegará ao Centro Comercial Guaicamacuto de Cumboto Norte, pelas 7:30 da manhã.

Aragua rende tributo à santa de Cova de Iria A Casa Portuguesa do Estado de Aragua celebrará a XXXIV edição das Festas em honra de Nossa Senhor de Fátima, entre 5 e 13 de Maio, com uma Novena para a Virgem. No dia da santa será promovido rosário, missa e procissão de Velas no Salão Fernando Pessoa. A 15 de Maio será promovido um musical sobre a aparição, no Salão Luís Vaz de Camões, e a 16 seguinte realizada uma sardinhada com apresentações musicais no estacionamento do clube. No sábado, 17, e domingo, 18, a festa continuará com repertório de bandas e agrupamentos folclóricas.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Correio da venezuela

venezuela

5

Clubes

Casa de aragua celebrou 49 anos

Centro social promoveu diversas actividades para o desfrute dos sócios sergio Ferreira soares sferreira@correiodevenezuela.com

Passaram 49 anos desde que um grupo de empreendedores oficializaram no Registo Subalterno do Município Girardot, no estado de aragua, uma instituição que, com o passar do tempo, viria a converter-se no espaço perfeito para levar a cabo actividades recreativas, desportivas e culturais sob a óptica da portugalidade. De facto, com o passar do tempo, a Casa Portuguesa do estado de aragua (CPa) converteu-se numa referência, no que a clubes diz respeito, do centro e norte do país, fruto das múltipla opções que oferece aos seus associados. Como símbolo do compromisso com o futuro, a actual junta directiva do centro, presidida por David alcaría, cele-

brou o aniversário da instituição, com actividades que contaram com uma grande adesão por parte dos sócios e amigos. a jornada festiva começou na sextafeira, 11 de abril, com a eleição das Rainhas da Casa, que compreendeu um espectáculo de qualidade no qual os membros puderam desfrutar de tecnologia, música e coreografias perfeitas. amigos e familiares assistiram a uma noite inspirada na elegância e sobriedade, para ver andrea ahyzkel Rodriguez Gandia coroar-se como nova Rainha, Joslin luisana Requena Mankluf como Miss Teen, Cindy Marian De Sales Otero como Rainha Das vindimas, Katherin Susana De Sousa Pita como Rainha de Carnaval, Oriana Gabriela García Hernandez como Rainha do Desporto, Marianna Carolina Reyes como Prince-

sa e valeria Juliet Barco narvàez como a nova Princesita deste centro. Posteriormente, na quarta-feira, 23 de abril, teve lugar o acto solene do aniversário, no qual os sócios cantaram os parabéns e reconheceram o trabalho realizado pelos fundadores e a actual junta directiva. Dois dias mais tarde, a Revolução dos Cravos foi a desculpa perfeita para oferecer um concerto de grande nível: a Orquestra Sinfónica do estado de aragua actuou sob a direcção do maestro Régulo Stabilito, juntamente com os irmãos Sandra e Ricardo Rodríguez.

às muitas actividades programadas atraiu a atenção não só de portugueses mas também de pessoas de outras nacionalidades, interessadas em comprar uma acção, o que alargou o espectro e aumentou o número de sócios. Hoje o clube conta com mais de 1800 accionistas que, a juntar aos seus familiares, formam um grupo de mais de sete mil pessoas. a associação desenvolve um grande número de modalidades desportivas para desfrute de todos os sócios, entre as quais se destacam futebol, ténis, natação, ténis de mesa, futebol de salão, bolas crioulas, natação sincronizada e karaté. a actual junta directiva impulsionou a conclusão das obras do edifício principal, onde poderão ser organizadas mais actividades de outro âmbito, como aulas de língua Portuguesa. assim, em Setembro de 2013, foram inaugurados novos salões: O multiusos e o de festas infantis. Foi ainda aberto um novo restaurante, o lusitania’s Grill, especializado em carnes na brasa.

Hoje o clube conta com mais de 1800 accionistas”

Una casa com historia a Casa Portuguesa do estado de aragua nasceu com a finalidade de oferecer aos membros um local de lazer que permitisse levar a cabo actividades recreativas, desportivas e culturais, e foi inscrita a 23 de abril de 1965 no Registo Subalterno do Município Girardot. em 1982, teve início a construção das diversas áreas, e em 1984, foi inaugurada a primeira fase do projecto. Isto a juntar


6

Correio da venezuela

venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Clubes

Já arrancou a III Fase do Plano de Investimentos em Puerto Ordaz Centro Português Venezuelano de Guayana continua a consolidar-se como um dos melhores espaços de recriação para os habitantes do Estado de Bolívar Critérios da organização Missão: “Somos uma organização sem fins lucrativos, orientada para fomentar relações sociais entre os sócios e familiares através do desenvolvimento de actividades desportivas, recreativas, educativas, sociais, culturais e de beneficência, que contribuam o enraizamento cultural e a integração luso-venezuelana, nas duas diversas manifestações. Num ambiente seguro, de respeito e integração, com instalações e serviços de alta qualidade, mediante uma eficiente, eficaz e transparente gestão operativa e administrativa.” Visão: “Consolidarmo-nos como o centro português venezuelano mais competitivo, inovador e com as melhores instalações desportivas, culturais, recreativas e sociais do país, oferecendo aos nossos accionistas, familiares e visitantes um ambiente agradável, seguro e propício onde conviver, assim como a prestação de serviços oportunos, de alta qualidade e variedade.”

A directiva do clube faz um apelo a todos os sócios para regularizarem os pagamentos das quotas de modo a que seja possível prosseguir o trabalho de tornar o centro num dos melhores do país.

sergio Ferreira soares

Os últimos passos para a concretização do sonho dos portugueses radicados em Puerto Ordaz já estão a ser dados. Graças ao contributo de capital disponibilizado por cada sócio, a remodelação da Casa Clube do Centro Português venezuelano de Guayana já está a converter-se em realidade. O projecto, liderado pela junta directiva que é presidida pelo cônsul honorário de Portugal, victor vieira, e que consiste na terceira fase do plano de investimentos, começa a tomar forma e a mostrar o que no futuro poderá oferecer em termos de bem-estar a todos os associados da instituição. Recentemente, foi iniciada a colocação do piso de granito nas áreas do andar inferior da Casa Clube, assim como no novo Salão venezuela. além disso, já foi realizada a preparação do terreno para acolher o relvado que embelezará os exteriores da Casa, tendo também já sido instalado o sistema de rega. uma das últimas fases será a instalação do sistema de ar acondicionado, que já se encontra na instituição. Mês após mês, o clube vai mostrando um novo rosto, o que fica demonstrado com a recente instalação de infra-estruturas e acessos, como o colocado para a área das piscinas ou nas que circundam a casa clube. Trata-se de uma iniciativa complexa que exigiu um contributo extraordinário por parte dos 1410 sócios, que será utilizado para a aquisição de materiais de construção, mobiliário, elevadores e aparelhos de ar condicionado, para além da execução da obra. este projecto não só permitiu revalorizar as acções do centro social para 300 mil bolívares como também aumentou a procura pelas mesmas, ao ponto de só estarem disponíveis 90 acções. O clube conta com quatro cabanas climatizadas próximas das piscinas e campos desportivos, com fácil acesso a partir do estacionamento, para a realização de eventos num ambiente diferente. existem também seis cabanas abertas junto aos bancos do Río Caroní, para a organização de churrascos com vista para os belos entardeceres típicos da Guayana venezuelana. um dos valores mais apreciados no centro social é o facto de os sócios poderem desfrutar de múltiplas actividades e cursos num ambiente de segurança e conforto. Para além disso, dispõem do grande Salão lusitano, um dos maiores e mais elegantes salões de festa do estado de Bolívar, ideal para a realização de festas, concertos e outras actividades.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

correio da Venezuela

7


8

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Diáspora Canadá

Empresário luso contra proibição de contratar imigrantes na restauração Jack Carvalho, proprietário de duas unidades de restauração diz que a medida vem prejudicar os profissionais CORREIO/LUSa

A decisão do Governo canadiano de proibir a contratação de imigrantes temporários estrangeiros vai afectar a comunidade portuguesa, alertou, no passado 26 de Abril, o empresário luso-canadiano Jack Carvalho, proprietário de um centro de formação em Toronto. A decisão da tutela de suspender os processos de contratação de imigrantes temporários estrangeiros “não traz nada de bom”, considerou o empresário, comentando a opção do Governo depois de várias denúncias de abuso no programa. Jack Carvalho, proprietário de duas unidades de restauração diz que a medida vem prejudicar os profissionais que não vão poder renovar os contratos.

O ministério do Trabalho canadiano não vai autorizar vistos de trabalho temporário.

CGTP assina acordo com maior sindicato da suíça CORREIO/LUSa

O secretário-geral da Confederação geral dos trabalhadores portugueses (CGTP) Arménio Carlos assinou, a 27 de Abril, em Berna um acordo com o maior sindicato da Suíça, UNIA, que integra 28.000 sócios portugueses. Resultado de uma longa colaboração entre ambos sindicatos, este acordo pioneiro “vai permitir dar criar condições para dar um maior apoio aos emigrantes na área sindical num momento em que aumenta a emigração” disse o sindicalista à Lusa. O secretário-geral acrescentou que “este protocolo também é fundamental para a Suíça para suportar a chegada dos emigrantes do ponto visto jurídico e profissional”. Com a assinatura deste

protocolo, a colaboração entre os dois sindicatos “dá um passo à frente” no compromisso de apoio aos emigrantes na hora em que aumenta a emigração e a pressão sobre os trabalhadores. Segundo a fonte, o aumento da sindicalização dos imigrantes portugueses na Suíça pode contribuir a combater problemas como o ‘dumping’ social. “Precisamos que os nossos emigrantes tenham as mesmas condições de trabalho e os mesmos direitos que os trabalhadores suíços. (...) Isso será concretizável a curto prazo quanto mais apoio estes trabalhadores tiverem do sindicato e, portanto, precisam de estarem envolvidos no sindicato” apontou o Arménio Carlos sobre a necessidade de aumentar a sindicalização dos emigrantes.

“Todos os profissionais que estão nesta situação de contratados ficam com as vidas profissionais e pessoais prejudicadas, e sem futuro, porque terão de regressar a Portugal”, afirmou o proprietário da padaria e pasteleira Jack´s Bakery e do restaurante Jack´s Eatery, ambos localizados em Toronto. O ministério do Trabalho canadiano não vai autorizar vistos de trabalho temporário no sector da restauração. É necessário um parecer do mercado de trabalho para emitir uma autorização de trabalho temporário para um estrangeiro, bem como, qualquer empresa do ramo da restauração que já obteve um parecer favorável do ministério do Trabalho, mas que a vaga ainda não está preenchida, ser-lhe-á negada. Estas novas medidas vão obrigar os empresários a dar uma “nova formação” aos novos empregados, um problema para Jack Carvalho visto que as escolas técnicas canadianas não dão cursos de especialização em cozinha e pastelaria portuguesa. “As escolas técnicas canadianas dão cursos genéricos de hotelaria, onde o profissional tem sempre que procurar locais de trabalho adequados à cultura da sua origem para poder ficar mais perto da realidade que idealizou no seu campo de trabalho”, concluiu. Através de um comunicado, o ministro do Trabalho disse que “não serão tolerados mais abusos no Programa Temporário de Trabalhadores Estrangeiros”.

Mais portugueses a trabalhar em Espanha CORREIO/LUSa

O número de trabalhadores portugueses registados em Espanha cresceu ligeiramente em Março, 0,78%, face ao mês anterior e pelo terceiro mês consecutivo, mantendo-se ainda assim 3,67% abaixo do total de Março de 2013. Dados divulgados no passado 22 de Abril, pelo Ministério do Emprego e da Segurança Social espanhol referem que no final de Março estavam registados em Espanha 37.929 trabalhadores portugueses, mais 293 que no final de Fevereiro e menos 1.447 que há um ano. O aumento registado nos últimos meses elevou o total de imigrantes portugueses a trabalhar em Espanha

praticamente para os níveis do final de 2013 (no final de Dezembro estavam registados 37.963). Ainda assim, os totais são significativamente inferiores aos que se registavam no passado, com uma descida de 7,56% em 2013 e de mais de 45% desde 2008, quando começou a crise em Espanha. No final de Dezembro, e entre os trabalhadores portugueses 31.628 estavam no regime geral, 5.905 por conta própria (autónomos em Espanha), 323 no sector do mar e 18 no sector do carvão. O aumento mensal no número de imigrantes portugueses ocupados contrasta com a redução de 1% entre todos os estrangeiros residentes em Espanha.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

correio da Venezuela

9


10

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Portugal Economia

Governo deverá baixar impostos a partir de 2015 A perspectiva é dada pelo ministro da Economia, António Pires de Lima corrEio/luSa

O ministro da Economia, António Pires de Lima, afirmou, terça-feira, 29 de Abril, que os portugueses podem estar confiantes na recuperação económica do país, acrescentando que a descida de impostos deverá ser um dos objectivos do Governo a partir de 2015. “A partir de 2015 pode e deve ser um objectivo do Governo inverter a tendência que se tem verificado até aqui de subir os impostos. Mas estas e outras matérias não poderiam ser discutidas se não estivéssemos prestes a concluir o nosso programa de assistência”, afirmou Pires de Lima. O governante, que falava em Loures, numa palestra sobre a retoma económica em Portugal, referiu que nos últimos dias têm sido discutidos assuntos como a actualização do salário mínimo nacional e da redução da carga fiscal, que “podem e devem dar esperança aos portugueses”. “Acho que se vivem tempos de esperança, mas também sei que isso terá de ser sentido no bolso dos portugueses”, atestou. A palestra foi proferida num encontro organizado pela associação EPIS (Empresários pela Inclusão Social) e foi, exactamente, aos empresários a quem o ministro incumbiu a tarefa de liderarem o processo de retoma econó-

Pires de lima deu uma palestra sobre a retoma económica.

mica de Portugal. “Não cabe só ao Estado simbolizar a esperança dos portugueses, mas sim também às empresas e aos empresários, que devem dar esses sinais. Neste momento, apelo ao patriotismo das empresas para que invistam em Portugal e aumentem a produtividade”, apontou. Nesse sentido, Pires de Lima ressalvou que o défice de produtividade em Portugal não é da responsabilidade dos trabalhadores, mas sim dos gesto-

Cerca de 202 mil idosos beneficiaram do CSI Melhoria nas expectativas sobre a evolução da situação económica do país

Cerca de 202 mil idosos beneficiaram do Complemento Solidário para Idosos (CSI) em Março, um número que se manteve praticamente igual relativamente a Fevereiro, segundo dados do Instituto da Segurança Social. Os dados da Segurança Social, actualizados a 24 de Abril, indicam que, em Março, 202.187 idosos recebiam esta prestação social, contra 202.270

Accionistas da PT ficam com 37,4% da Oi

A Portugal Telecom concluiu o período de subscrição de acções no âmbito do aumento de capital com a Oi, passando os seus accionistas a deter 37,4% da brasileira, logo após a liquidação da operação, anunciou a operadora portuguesa. Segundo um comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Portugal Telecom (PT) informa que “imediatamente após a liquidação do aumento de capital a PT irá deter, directa e indirectamente, 37,4% do capital social da Oi, incluindo 40,7% do capital social com direito de voto da Oi”, excluindo a participação indirecta detida através da Telemar Participações e a AG Telecom Participações. O documento explica contudo que depois da conclusão de todas as operações societárias, a PT passará a deter uma posição mínima de 37,3% do capital.

Estado arrecadou 140 ME com a CES no 1.º trimestre

SEgurança Social

corrEio/luSa

Breves

res, accionistas e empresários, que deverão alterar o modelo de negócio das suas empresas. “Há excelentes empresas em Portugal e eu acredito muito na capacidade das empresas”, atestou. O encontro ficou ainda marcado pela assinatura de um protocolo entre a associação EPIS e o Ministério da Educação e Ciência, com vista a alargar o programa ‘Mediadores para o sucesso escolar’ a mais estabelecimentos de ensino do país.

em Fevereiro, o que representa menos 83 idosos. Relativamente ao período homólogo de 2013, registou-se uma quebra de 12,2%, passando de 226.935 em Março do ano passado para 202.187 um ano depois. Segundo a Segurança Social, a maioria dos beneficiários são mulheres, totalizando, em Março, 137.891. O maior número de beneficiários encontra-se no distrito do Porto (31.442), seguido de Lisboa (28.412) e de Braga (15.761), adiantam as estatísticas da Segurança Social, sujeitas a actualizações. O Complemento Solidário para Idosos é um apoio em dinheiro pago mensalmente a pessoas com mais de 66 anos, com baixos recursos financeiros. O valor do Complemento Solidário para Idosos é de 4.909 euros por ano, ou seja 409,08 euros por mês.

A Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) rendeu ao Estado 140,7 milhões de euros no primeiro trimestre do ano, um aumento de 19,1% face ao período homólogo, estima a Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO). Na análise à execução orçamental em contabilidade pública até Março, a que a Lusa teve acesso, a UTAO estima que se registou “um aumento significativo da receita da CES” no primeiro trimestre de 2014, tendo sido arrecadados 140,7 milhões de euros, mais 22,6 milhões do que no mesmo período de 2012. Destes 140,7 milhões de euros, 99,6 milhões dizem respeito à Caixa Geral de Aposentações (CGA), o que representa uma variação homóloga de 16,1%, e 41,1 milhões de euros dizem respeito à Segurança Social, o que corresponde a uma subida de 27,3%, segundo a UTAO.

Contribuintes não conseguem entregar IRS no portal das Finanças Os contribuintes não estão a conseguir entregar as declarações de IRS no Portal das Finanças, porque “o sistema não funciona”, denunciou terça-feira, 29 de Abril, a Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas (OTOC), garantindo que “não vai consentir a aplicação de multas”. Em declarações à agência Lusa, Domingues de Azevedo, bastonário da OTOC, disse que se trata de “um problema literalmente de laxismo por parte do Governo, porque tem espaço [no Portal das Finanças] para andar a pôr para lá sorteios de facturas e emissões de facturas e não sei quê”, mas, “quando chega a hora da entrega das declarações, o sistema não funciona”. De acordo com Domingues de Azevedo, o facto de haver “uma afluência maior” ao Portal das Finanças nos últimos dias do prazo para entregar a declaração de rendimentos de 2013 pela internet no caso dos rendimentos das categorias A e H faz com que “as pessoas não consigam entregar as declarações”.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Correio da Venezuela

portugal

11

Economia

Criação de empresas desce 12,4% no primeiro trimestre Durante os primeiros três meses deste ano, foram constituídas 10.618 novas empresas, segundo a Informa D&B corrEio/LuSa

a criação de empresas em portugal registou uma descida de 12,4% no primeiro trimestre deste ano, face ao mesmo período de 2013, indica uma análise da Informa D&B que foi divulgada em comunicado, na segunda-feira, 28 de abril. Durante os primeiros três meses deste ano, foram constituídas 10.618 novas empresas, o que representa 120 novas empresas por dia, mas uma descida total de 1.504 em termos homólogos. No entanto, de acordo com a directora-geral da Informa D&B, teresa Menezes, “o decréscimo das constituições face a 2013 concentra-se essencialmente no mês de Janeiro e já era expectável, já que Janeiro de 2013 foi o melhor mês de nascimentos [criação] dos últimos cinco anos, caracterizado por um número muito elevado de constituições de sociedades unipessoais”. Já os valores de Fevereiro e Março deste ano aproximam-se mais dos que tinham sido registados em 2013, “que foi o melhor ano desde 2009 no que refere a nascimentos de empresas”, acrescenta teresa Menezes, citada no comunicado. o sector de serviços é aquele no qual nasceram mais empresas no primeiro trimestre deste ano, com a constituição de 3.317 novas sociedades, seguindo-se o retalho (1.647) e a restauração (1.148). No entanto, é nas telecomunicações que a criação de empresas assume uma maior importância, uma vez que aquelas que foram constituídas durante os últimos 12 meses representam 14,9% do total de empresas neste sector. Seguem-se os sectores da agricul-

ajuda ExtErna

Decisão sobre saída será comunicada até domingo corrEio/LuSa

Em Lisboa, registaram-se 1.079 encerramentos de empresas.

Encerramento de empresas desce 18,1% Um total de 3.563 empresas encerraram no primeiro trimestre de 2014, o que representa uma descida de 18,1% face ao mesmo período do ano passado, indica a análise realizada pela Informa D&B. “Esta descida mantém a tendência já registada no ano de 2013, sentida ao longo de todos os trimestre do ano”, nota a empresa. Em termos absolutos, a maior descida no número de encerramentos deu-se nos sectores do retalho, com menos 27,3% de situações ocorridas, dos serviços (menos 18,8%) e da construção (menos 20,1%). Por outro lado, foi também nestes três sectores que, apesar das descidas homólogas, se deu o tura, pecuária, pesca e caça, e também do alojamento e restauração, nos quais as empresas criadas têm um peso de 10,8% no número de sociedades existentes, em cada um destes sectores. lisboa, porto e Braga são os distritos onde se registaram mais nascimen-

maior número de encerramento de empresas. De acordo com os dados analisados pela Informa D&B, nos serviços fecharam 914 empresas, seguido do retalho com 611 encerramentos e da construção, com 466. Em termos geográficos, houve menos empresas a fechar em 77% dos distritos portugueses, incluindo aqueles onde se registou maior quantidade de encerramentos. Em Lisboa, registaram-se 1.079 encerramentos de empresas durante o primeiro trimestre, o que corresponde a uma descida de 17,4% em termos homólogos. No Porto, fecharam 594 unidades, o que representa uma diminuição de 21,8%, em Braga 328 (menos 11,8%) e em Aveiro, 205 (menos 23,2%). tos de empresas em termos absolutos durante os primeiros três meses deste ano, respectivamente 2.940, 2.027 e 944 novas entidades, indica também a Informa D&B, que analisou ainda o encerramento e insolvência de empresas durante o mesmo período.

o ministro da presidência, luís Marques guedes, disse, segundafeira, 28 de abril, que a decisão final do governo sobre como portugal sairá do programa de assistência financeira será tomada em Conselho de Ministros extraordinário e comunicada ao país até domingo. a notícia está a ser avançada pela agência financeira Bloomberg, que cita declarações de Marques guedes, e diz que a decisão será tomada em Conselho de Ministros extraordinário, mas não adianta a data da reunião. portugal, de acordo com o ministro, tal como a Irlanda, está a ser “prudente” e a tomar o seu tempo para decidir entre uma saída limpa do programa ou solicitar um programa cautelar. passos Coelho afirmou no final de abril que o governo português anunciará a sua decisão sobre a saída do actual programa de resgate após a conclusão da 12.ª avaliação e antes de 5 de Maio, dia da reunião do Eurogrupo. puB


12

Correio da Venezuela

portugal

consumo

Confiança no valor mais alto desde Dezembro de 2009 Melhoria nas expectativas sobre a evolução da situação económica do país coRREio/Lusa

o indicador de confiança dos consumidores aumentou “ligeiramente” em abril para o valor mais alto desde Dezembro de 2009 e o indicador de clima económico subiu “de forma ténue”, mantendo a recuperação iniciada em 2013, divulgou, terça-feira, 29 de abril, o INE. Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), a “ligeira recuperação” do indicador de confiança dos consumidores – que, desde o início do ano passado, mantém um “acentuado movimento positivo” - deveu-se ao contributo positivo das expectativas sobre a evolução da situação económica do país e da situação financeira do agregado familiar, “mais expressivo no segundo caso”. Em abril, o indicador de confiança aumentou no sector do comércio, mas diminuiu na indústria transformadora e na construção e obras públicas, tendo estabilizado nos serviços. a diminuição “ténue” da confiança da indústria transformadora suspendeu o perfil ascendente observado desde o final de 2012, penalizado pelo contributo negativo das apreciações sobre a evolução dos ‘stocks’ de produtos acabados e das perspectivas de produção, “mais significativo no segundo caso, uma vez que as opiniões sobre a procura global contribuíram positivamente”,

a confiança aumentou, em particular, no sector do comércio.

referem. Em queda em abril esteve também o indicador de confiança da construção e obras públicas, que interrompeu a subida apresentada desde agosto de 2012, reflectindo o agravamento das perspectivas de emprego, já que o saldo das opiniões sobre a carteira de encomendas estabilizou. Já a subida do indicador de confiança do comércio prolongou a “acentuada trajectória crescente” iniciada em Fevereiro de 2012, sendo que abril registou o valor mais elevado desde Maio de 2002. Segundo o INE, esta recuperação

resultou do contributo positivo das opiniões sobre o volume de vendas e das perspectivas de actividade, mais expressivo no primeiro caso, uma vez que as apreciações sobre o nível de existências contribuíram negativamente. Quanto ao indicador de confiança dos serviços, estabilizou em abril no valor mais elevado desde Setembro de 2008, suspendendo o “acentuado perfil ascendente” observado desde o final de 2012, devido à evolução positiva das apreciações sobre a actividade da empresa e sobre a evolução da carteira de encomendas e ao agravamento das perspectivas de evolução da procura.

Economia

redução do trabalho suplementar poderá ser prolongada coRREio/Lusa

o governo admite prolongar até ao final do ano a redução do valor do trabalho extraordinário introduzida no Código do trabalho em agosto de 2012, revelaram, segunda-feira, 28 de abril, os parceiros sociais. Esta medida corresponde a uma reivindicação das confederações patronais, em particular, da Confederação Empresarial de portugal (CIp), e significa que os trabalhadores quando fazem horas extraordinárias ou trabalham em dia feriado irão continuar a receber metade do que recebiam antes dessa al-

teração, o que era suposto vigorar até 31 de Julho deste ano. após um encontro de três horas entre o governo e as confederações patronais e sindicais, em sede de concertação social, patrões e sindicatos confirmaram aos jornalistas que esta proposta tinha sido apresentada neste encontro com o executivo, mas que ainda não está fechada. Falando no final do encontro, o ministro do Emprego e da Segurança Social, pedro Mota Soares, escusou-se a confirmar a medida, dizendo que acredita “no diálogo social e na concertação social”. “É em concertação social, pelo diá-

medida corresponde a uma reivindicação das confederações patronais.

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Breves

Lucro da JM cai 17,1% para 62MEuro O resultado líquido atribuível à Jerónimo Martins recuou 17,1% nos primeiros três meses do ano, face a igual período de 2013, para 62 milhões de euros, anunciou, terça-feira, 29 de Abril, o grupo que detém a cadeia de supermercados Pingo Doce. Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a empresa liderada por Pedro Soares dos Santos adianta que o lucro “foi 13 milhões de euros mais baixo que o registado no primeiro trimestre de 2013, atingindo 62 milhões de euros (excluindo a diluição dos novos negócios ficou abaixo dos oito milhões de euros)”. As vendas consolidadas cresceram 5,1% para 2.912 milhões de euros, “incluindo um ligeiro efeito cambial negativo de 0,5%”, refere a Jerónimo Martins, que adianta que, “em linha com os trimestres anteriores, o sector do retalho alimentar na Polónia mantevese altamente competitivo”.

Câmara de Coimbra contra mini-hídrica no Mondego A Câmara de Coimbra é “inequivocamente” contra a construção da mini-hídrica do rio Mondego, em Penacova, no distrito de Coimbra, afirmou terça-feira, 29 de Abril, o presidente do município, Manuel Machado. “O parecer da Câmara Municipal de Coimbra é inequivocamente desfavorável à construção da mini-hídrica no Mondego”, sublinhou o autarca socialista, que falava na sessão da Assembleia Municipal daquela cidade. O executivo municipal afirmou-se, por unanimidade, contra aquele projecto na sua última reunião, realizada em 21 de Abril, alegando, designadamente, razões de ordem ambiental, económicas, turísticas, paisagísticas e de “bom senso”.

logo livre entre os representantes dos trabalhadores e dos empregadores que se chegam a acordos e, por isso mesmo, todas essas matérias devem ser discutidas em sede de concertação social. o que nós queremos fazer é, efectivamente, sentar-nos com os parceiros sociais para chegar a acordo. Faz parte do diálogo social”, disse Mota Soares. relativamente à questão das horas extra, o governo está “a ouvir as preocupações de muitos parceiros que se queixam de que o Estado tem para si regras mais benéficas do que aquelas que os próprios privados têm. Nesse sentido, pode fazer sentido discutir com os parceiros sociais estabelecer regras iguais ao longo deste ano que nunca ultrapassam os limites legais estabelecidos no Código do trabalho”, prosseguiu o governante. o ministro sublinhou que uma das prioridades do governo “é estimular a contratação colectiva em portugal” e que esse seria “um dos critérios a ter em conta na emissão das portarias de extensão”.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

correio da Venezuela

13


14

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Cultura Recomendação de Cinema Por Sergio Ferreira

Cinema

“Filho de Deus” chegou ao grande ecrã nacional A película é protagonizada pelo actor português Diogo Morgado Sergio Ferreira Soares sferreira@correiodevenezuela.com

Rio 2 Estreia: 2/5/2014 Blu vive feliz no Rio de Janeiro ao lado da companheira Jade e seus três filhotes, Carla, Bia e Tiago. Os seus donos, Linda e Túlio, estão agora na floresta amazônica, fazendo novas pesquisas. Por acaso eles encontram a pena de uma ararinha azul, o que pode significar que Blu e sua família não sejam os últimos da espécie. Após vê-los em uma reportagem na TV, Jade insiste para que eles partam para a Amazônia. Blu inicialmente reluta, mas acaba aceitando a ideia. Assim, toda a família parte em uma viagem pelo interior do Brasil rumo à floresta amazônica sem imaginar que, logo ao chegar, encontrarão um velho inimigo: Nigel. Transcende: identidad Virtual Estreia: 2/5/2014 A primeira realização de Pfister, apresenta a história de um cientista que é assassinado por terroristas anti tecnologia, mas cuja mulher incorpora no seu cérebro um supercomputador que criou, permitindo-lhe a habilidade de se comunicar através dele e continuar a conduzir a sua pesquisa. Uma ficção científica a não perder este ano e que conta no elenco com nomes como Johnny Depp, Rebecca Hall e Morgan Freeman. Na história deste filme, o Dr. Will Caster (Johnny Depp) é o mais notável pesquisador no campo da Inteligência Artificial e as suas experiências vão o tornar o alvo principal dos extremistas anti-tecnologia.. Operación monumento Estreia: 16/5/2014 Baseado na história verídica da maior caça ao tesouro de sempre, «The Monuments Men Caçadores de Tesouros» centra-se num improvável pelotão da Segunda Guerra Mundial, enviado para a Alemanha a fim de resgatar grandes obras de arte de ladrões nazis e devolvê-las aos seus legítimos proprietários. Seria uma missão impossível: com a arte presa para lá das linhas inimigas e com o exército alemão com ordens para destruir tudo durante a queda do Reich, como poderiam estes homens - sete diretores de museus, curadores e historiadores de arte, mais familiarizados com Michelangelo que com armas – ser bem sucedidos? Ao se encontrarem numa corrida contra o tempo para evitar a destruição de 1.000 anos de cultura, os chamados Caçadores de Tesouros arriscam as suas vidas, para proteger e defender as melhores obras criadas pelo homem.

As salas de cinema da Venezuela receberam a primeira grande produção cinematográfica realizada na última década em torno da vida de Jesus. Trata-se de “O Filho de Deus”, filme dirigido por Christopher Spencer e protagonizado pelo português Diogo Morgado. O filme baseia-se na vida de Jesus de Nazaré, e destaca o caminho percorrido desta as suas origens até à ressurreição, passando pelos principais momentos de ensinamentos e a crucificação, através dum relato comovedor, poderoso e inspirador. “Para a Cines Unidos resulta fundamental trazer à Venezuela películas que eduquem e mexam com as emoções dos nossos convidados. É por isto que, nesta oportunidade ‘Filho de Deus’ logrará que os espectadores vivam e entendam a complexidade e a importância da história deste personagem”, assegura Marianela Saleta, vice-presidente de Distribuição da Cines Unidos. O filme doi produzido por Roma Downey, produtora e actriz nomeada a um Emmy e Globo de Ouro, e o seu esposo Mark Burnett, vencedor de cinco prémios Emmy e produtor de séries televisivas como “Survivor”, “The Voice”, “The Apprentice” e “Shark Tank”, entre outras. Contracenam com Morgado os actores Greg Hicks, Adrian Schiller e

Darwin Shaw. O autor da banda sonora do filme, Hans Zimmer, já conquistou prémios importantes à escala internacional, como os Globos de Ouro, BAFTA, Emmy, Saturn, Grammy, além de um Óscar da Academia pelo seu trabalho em “O Rei Leão”. Das telenovelas lusas para Hollywood Além do seu idioma natal, o português, Diogo Morgado fala perfeitamente o inglês e muito bem o espanhol. “Nunca fui à escola para aprender espanhol, pois aprendi-o só de ouvir. O inglês também, embora tenha estudado inglês durante três anos na escola pública em Portugal e assim aprendi o básico”, assegurou à edição espanhola

múSiCa

Andrea Imaginario actua em Guayana Sergio Ferreira Soares

O Salão Lusitano do Centro Português Venezuelano de Guayana, no Estado de Bolívar, veste-se de gala para receber a cantora Andrea Imaginario numa noite de fados carregada de portugalidade. A iniciativa, promovida pela junta directiva do clube, em conjunto com a Embaixada de Portugal na Venezuela e a alcaldia do municí-

pio Caroni, está marcada para 16 de Maio, e contará com a presença de um guitarrista vindo de Portugal. Andrea Imaginario é dona de uma melodiosa voz de soprano, formada na Escola de Música Lino Gallardo, sob a direcção da professora Mariela Valladares. Estudou canto em Portugal, no Estoril, com os maestros Sara Walker, Graham Johnson, Robert White y Loh Siew Tuan. Anos de estudos e de prática como solista permitiram-lhe,

da revista People. O actor, que já contava com uma ampla carreira em Portugal, disse que o seu propósito nunca foi chegar a Hollywood. Mas a oportunidade de trabalhar na meca do cinema surgiu quando um agente do mercado norte-americano o viu no filem “Star Crossed” (2009) e se interessou por ele. “Eu estava em Portugal. O agente ligou-me e perguntou se queria trabalhar com ele, mas que tinha que viver aqui (nos EUA). Mas não quis mudarme, eu tinha trabalho em Portugal”, conta Diogo. “Assim que comecei a trabalhar com ele desde lá fazendo audições por vídeo. Eu estava simplesmente a divertir-me com todo isto porque é o que amo. A actuação é o meu primeiro grande amor”, confessou. Morgado participou em vários musicais em Portugal, nos quais lhe tocou mostrar os seus dotes de bailarino e cantor; também tentou a sorte na pista de dança na competição “Dança Comigo”, versão portuguesa de “Dancing with the Stars”. Além disso, o actor emprestou a sua voz ao personagem de Kristoff na versão portuguesa do filem animado “Frozen”. “Diverti-me muito fazendo dobragem para desenhos animados. Já fiz muitas e creio que é algo mágico; recriar uma história, transmitir emoções apenas usando a sua voz, é simplesmente mágico”, observou.

graças à sua versatilidade, participar em recitais acompanhada por virtuosos como Mariantonia Palacios, Franca Ciarfella, Gerardo Gerulewicz, Juan Francisco Sans, María Alejandra Limardo, Morella Ruscitti, Pedro Andrés Pérez e Hugo Quintana, entre outros. A sua herança lusitana, somada à particular influência musical do pai, João Carlos Imaginario, acordeonista e pianista de amplo trajecto na comunidade portuguesa na Venezuela, leva-a a conhecer melhor o fado, envolvendo-se no género a partir de 2007. Nos últimos dois anos, a jovem levou a cabo diversas actuações, entre as quais se destacam ‘Entre dos orillas’ e o recital ‘Andrea Imaginario em Pessoa’, no qual incluiu um conjunto de poemas de Fernando Pessoa e dos seus heterónimos.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

En Canadá

¡APRENDE INGLÉS DONDE ES! Village English Language School

NO DEJES QUE TE LO CUENTEN… CONTÁCTANOS Y DESCUBRE PORQUE SOMOS TU MEJOR OPCIÓN Los mejores programas de inglés para todo público No necesitas visa con tu pasaporte de la Comunidad Europea ¡Comienza cuando quieras!

Solicita tu presupuesto sin compromiso FUNDADA EN 1995

www.village-english.com Servicios en español: Caracas, Venezuela +58 212 720 7056 Toronto, Canadá +1 905 542 7056

correio da Venezuela

15


16

correio da Venezuela

artes

Victoria Urdaneta

cultura

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

arte

‘25 de abril: Sempre’ no celarg O Instituto Camões inaugurou uma exposição que permanecerá até 11 de Maio. Victoria Urdaneta vurdaneta@correiodevenezuela.com

Sinfónica actua a 4 de maio A Orquestra Sinfónica Gran Mariscal de Ayacucho apresenta-se sob a direcção de Elisa Vegas. Como cronistas convidados, os professores Juan Francisco Sans e Juan de Dios López. A Orquestra foi criada em 1989, com o acordo assinado pela Fundação Gran Mariscal de Ayacucho e a Fundação Orquestra Nacional Juvenil de Venezuela. Em 1992, foi constituída com o nome de Fundação Orquestra Sinfónica Gran Mariscal de Ayacucho, o epónimo que homenageia o prócere da independência, Antonio José de Sucre. Data: Domingo 4 de Maio, às 5:00 pm Local: Teatro Teresa Carreño o ‘cuatro’ em cena O ‘cuatro’ é o instrumento protagonista no espectáculo apresentado por Rolando Navarro, Mayneth Espina e Luis Adolfo Baradat. Navarro é um artista muito completo que fez da música venezuelana um estilo de vida. Espina é um músico, compositor, director, concertista, produtor e cantautor crioulo. Luis Adolfo Baradat é um perito em repertório popular e folclórico nacional com peças especialmente criadas para o ‘cuatro’, e por isso serão apresentados dois nas suas actuações: Um com cordas de nylon e afinado da maneira tradicional ou natural, popularmente conhecido como ‘cam bur pin tón’ (Lá, Ré, Fá#, Si), e o outro com uma corda entrelaçada e três de nylon, afinado num tom mais grave (Sol, Do, Mi, Lá). Data: Sábado 3 de Maio, às 6:00 pm Local: Teatro Teresa Carreño

a arte sempre foi utilizada como forma de expressão da sociedade, e sobretudo dos seus ideais. Nesta oportunidade, o Instituto camões proporciona, através de uma mostra artística, uma visão sobre o que ocorreu antes e depois do 25 de abril de 1974 denominada ’25 de abril: Sempre’. a iniciativa surgiu em parceria com o centro de língua Portuguesa, e contou com a colaboração do coordenador para o ensino do idioma Português, rainer Sousa. a exposição pode ser visitada das 10 da manhã às 5 da tarde até 11 de Maio, no celarg. a mostra teve uma fase de preparação de cinco meses, aproximadamente, tempo que permitiu seleccionar as obras mais representativas do evento histórico. “O objectivo principal é mostrar as imagens que o público pudesse entender melhor, inclusive o que não é conhecedor, pois os visitantes não fazem parte apenas da comunidade portuguesa, mas sim de toda a população. Dessa forma, as caricaturas expostas serão analisadas e valorizadas por todos em geral”, explica a leitora do Instituo camões, Sofia Saraiva. Quanto à mensagem transmitida pela exposição, Saraiva tem uma opinião muito animadora. “Neste tempo que a Venezuela vive, é extremamente

importante dar a conhecer uma revolução que se fez sem violência, sem um morto. Isso é importante, porque se exigiu o direito à liberdade com uma postura pacífica.” Dito isto, fica o convite de Saraiva a visitar a mostra, um convite dirigido “sobretudo aos estudantes universitários e aos jovens que queiram saber mais sobre a cultura e a história de Portugal.”

A exposição mostra caricaturas de João Abel Manta (1928) como retrato de António de Oliveira Salazar representando o ocaso do poder. Outros quadros fazem alusão à formação dos partidos políticos e à instauração da democracia; tocam o tema da descolonização de África; reflectem a chegada de Mário Soares a Lisboa, a 28 de Abril de 1974, regressando do exílio em Paris; fazem referência às mudanças ocorridas depois do 25 de Abril, e mostram também a figura do Zé Povinho.

em La Victoria

Encontro internacional reúne mais de 400 artistas

Adaptação de Juan Carlos Núñez baseia-se no poema de Neruda ‘Canto para Bolívar’ correio de Venezuela csalcedo@correiodevenezuela.com

‘este canto mío’ Cecilia Todd apresenta-se no Teatro Teresa Carreño com o seu repertório de música tradicional. Esta cantora venezuelana será acompanhada pelo inseparável ‘cuatro’, instrumento com o qual percorreu o mundo, alternando com figuras como Henry Martínez, Joan Manuel Serrat, Chico Buarque, Astor Piazzolla, Mercedes Sosa, entre outros. Data: Sexta 2 de Maio, às 7:00 pm Local: Teatro Teresa Carreño

a oitava edição do Encontro Internacional Danças luso-Victorianas decorre no domingo, 4 de maio, e vai reunir mais de 400 artistas e cerca de 15 representações das danças de países irmãos, exibindo uma mostra do melhor das suas tradições. O evento é organizado no âmbito das celebrações do Mês da Juventude, este ano com um carácter muito especial: O bicentenário da Batalha de la Victoria. como já é costume, o evento começa pelo meio-dia com uma oferta floral,

denominada ‘Homenagem aos heróis’, a ser depositada no monumento de José Félix ribas, seguindo-se um desfile alegórico até ao cuartel Montilla. Nesta edição participam representações da alemanha, Brasil, cuba, Espanha, Jamaica, Panamá, México, Países Árabes, Países africanos, Peru, Portugal, Itália e Venezuela, com bailes alusivos a cada um destes países. a Fundação Danças luso-Victorianas agradece a todos grupos que vão marcar presença, às individualidades e às instituições públicas e privadas que apoiam a iniciativa, “já que sem eles a realização do evento não seria

possível”. a Fundação informa ainda que o acesso ao encontro, tanto para os grupos como para o público, é gratuito, porque o principal objectivo é a solidariedade entre os povos, sem competição, a fim de manter os costumes e tradições entre as comunidades de outros países que convivem e partilham na Venezuela. a Fundação Danças luso-Victorianas tem nove anos de existência e nasceu com a finalidade de divulgar e promover os costumes e tradições dos países ricos do ponto de vista cultural, como o são Portugal e Venezuela.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Recomendação de Teatro Por Sergio Ferreira

‘La Jaula de las Plumas’ Ascensao Producciones traz uma nova produção aos palcos venezuelanos. Desta vez trata-se de uma comédia de teatro musical escrita por Carmelo Castro. “É uma história onde o amor triunfa sobre a falsa moral, os preconceitos, os tabus e a mentira, entre o humor mais hilariante, os incontornáveis equívocos, o ritmo da música, o brilho das lantejoulas, e claro, as penas.” A música está a cargo de Jesús Sánchez, as coreografias de Ana Castellucci e actuações de Rodolfo Drago, Félix Loreto,Yolenny Salazar, José Manuel Ascensao, Victor Hugo Gomes, Marilyn Ascensao, Luis Serrano, Ramphis Sierra, Alexander Zambrano, Luis González e Carlos Nunes. Data: Sextas e Sábados às 8:00 pm, de Maio a 7 de Junho Local: Teatro Escena 8, Las Mercedes.

‘La barrigada del humor’ No Teatro Escena 8, apresenta-se num stand up comedy marcado pelas situações políticas da actualidade mas sempre com o humor como ferramenta principal. Conta com as actuações especiais de Napoleón Rivero e Héctor Vargas. Data: A 2, 3, 23 e 24 de Maio. 10 pm Local: Teatro Escena 8, Las Mercedes.

correio da Venezuela

cultura

17

EsPECTáCuLos

Daniel Pereira mostra potencial em Paris Grandes artistas abriram as portas ao este jovem luso-venezuelano sergio Ferreira soares sferreira@correiodevenezuela.com

O empreendedor luso-venezuelano Daniel Pereira surpreendeu todos os seus seguidores com um novo projecto que iniciou na cidade de Paris, França. trata-se da série “crimson”, que envolve o espectador num mundo de suspense e mistério. Quem estiver disposto a assumir um papel de detective, deve estar muito atento aos vídeos postados no seu canal do youtube @revistaotixe. contudo, este não é o único projecto que actualmente está a ser cozinhado por este jovem multifacetado, que aterrou em Paris para estudar Francês, com a finalidade de somar um novo idioma ao seu currículo, no qual já figura o inglês, português e espanhol. Daniel não tem enjeitado as oportunidades que lhe têm sido oferecidas nestas nobres terras europeias, onde grandes artistas, diariamente, colocam nas suas mãos as respectivas imagens porque confiam nas suas destrezas mediáticas.

Coordenadas Se estiver interessado em saber mais sobre o trabalho deste talentoso luso-venezuelano, poderá obter mais informação através do seu Instagram e pelo Twitter, em @danielpereiratm.

uma das suas experiencias mais recentes e mais enriquecedoras para Daniel Pereira foi cobrir toda a informação relacionada com a exposição das obras da coreana Miky Han, que teve lugar recentemente numa importante galeria de arte situada em Provins, cidade medieval que desde 2001 é considerada Património Mundial da uNEScO. Neste espaço marcaram presença artistas, celebridades e personalidades, que “tropeçaram” com a câmara e o microfone deste dinâmico entrevistador. Entre os entrevistados destacaramse o reconhecido desenhador de moda parisiense Erik Schaix, o costureiro preferido das primeiras damas de Estado e membros da realiza, tal como Farah Diba, tendo a sua entrevista sido transmitida com comentários positivos em vários canais latinos. também aprofundou sobre a carreira da artista andré Dast que reportou para as suas câmaras alguns detalhes sobre como é inspirada pela cinzel, a espátula e os dedos na hora de fazer uma obra de arte.

EsPECTáCuLos

albi de abreu em comédia criada para telemóveis Trata-se da primeira série pensada para dispositivos móveis, cuja história gira em torno do Mundial 2014.

‘Compadres’ A Jota Creativa apresenta uma obra de Javier Vidal em memória de Simón Alberto Consalvi, dirigida por Julie Restifo, com um elenco integrado por Juan Carlos Gardie, Antonio Delli, Jan Vidal Restifo, Laura Gardie. A peça dramatiza os meses que passaram entre a renúncia do Presidente Cipriano Castro, a sua aclamação, doença e posterior exílio forçado. A trama é dialogada por três presidentes venezuelanos em cadeias de comando cronológico (Castro, Gómez e López). A acção decorre nos espaços do Palácio Presidencial entre os anos de 1906 a 1908. Data: Sexta 8:00 pm, sábados e domingos 7:00 pm. Local: Espacio Plural del Trasnocho Cultural, C.C. Paseo Las Mercedes.

sergio Ferreira soares

uma conhecida operadora móvel lançou, na colômbia, a sua primeira comédia para telemóveis, chamada ‘Yo te llevo a Brasil’. trata-se de uma mini-série relacionada com o Mundial 2014, que conta com 17 capítulos gratuitos nos quais se narra a história de dois amigos que fazem mil esforços para ir ao Mundial e acabam envolvidos em diferentes situações divertidas. O elenco da série é formado por Julián román, Julieth restrepo, roberto cano, Erika Vélez, Marco Zunino, adriana Franco e albi de abreu. Segundo um comunicado de im-

prensa da companhia, a série foi lançada de forma exclusiva para os utentes desta operadora móvel na colômbia, mas os interessados em conhecer o primeiro capítulo podem entrar em www. goleadores.com.co para vê-lo de forma gratuita. a série foi pensada para dispositivos móveis, e os capítulos foram gravados com duas câmaras de cinema digital em alta definição, sob direcção de Juan Felipe Orozco, recordado por produções como ‘los caballeros las prefieren brutas’. Se algo tem caracterizado albi de abreu durante os últimos anos é a sua capacidade de impulsionar diferentes

projectos em simultâneo, nos quais dá a conhecer o seu talento e capacidades de representação. Nesse sentido, encontra-se actualmente a rodar, com a FOX International channels latin américa, a nova temporada de uma das ficções mais bem sucedidas em toda américa latina, ‘cumbia Ninja’. a segunda temporada da série manterá a elevada implantação de actores de diversas regiões do continente, num elenco encabeçado por Brenda asnicar e ricardo abarca.


18

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Opinião Cartas dos leitores

Digamos não ao racismo Nos últimos dias muito se comentou a experiência vivida por Dani Alves durante um encontro de futebol, quando um adepto lhe atirou uma banana, chamando-lhe “macaco”, ou como se diz na Venezuela: “marginal”. É lamentável que em pleno século XXI, num mundo totalmente globalizado e em que as minoria já conquistaram o respeito que sempre mereceram, possa ocorrer este tipo de acontecimentos que apenas demonstram grandes falhas na nossa humanidade. Digo falhas, pois ninguém é suficientemente melhor para julgar o seu semelhante nem tão pouco sentir-se mais superior que os outros, e muito menos detentor de qualquer direito para ofender que quer que seja num simples jogo de futebol que apenas é isso mesmo: um jogo. Quando se aproxima o mundial de futebol do Brasil, parece-me um momento perfeito para que todos os habitantes do planeta se unam num apelo contra o racismo, pois no final de contas somos todos seres humanos, com virtudes e defeitos, mas sempre filhos da mesma terra. Que ninguém permita este tipo de situações: todos devemos expressar repúdio por actos deste género e apelar às pessoas que os praticam para reflectirem sobre tal comportamento. Juntos por um mundo melhor. dayana Cunha Freires

Crónicas

de Lisboa serafim Marques

Haja Silêncio

F

az-me confusão o comportamento de muitos dos participantes nos velórios, porque com excepção dos familiares mais directos, manifestando sentimentos genuínos pela morte do seu ente querido, alguns fazem dos velórios um “ponto de encontro”, porque assim o é, de facto, para muita gente que só se encontra naqueles “ eve n t o s ” , ap rove i t a n d o, então, para pôr a conversa em dia e abusar de todo o tipo de “festas”. De tudo se fala, das vidas próprias e alheias, contam-se anedotas, etc. Ali, a morte foi apenas o pretexto para os encontros e porque, por vezes, o “dever do faz de conta”, para parecer bem aos familiares do defunto, também não pode ser esquecido. Aliás, nos velórios, o tempo passa lentamente, pelo que urge “matar o tempo” que dura um velório, embora agora muitos deles encerrem durante a noite, por questões de segurança e comodidade dos familiares. Afinal, o defunto pode muito bem “dor mir” sozinho na casa mortuária e não é a companhia dos familiares que lhe vai restituir a vida, embora para estes o tempo de espera ajude a fazer o luto, questão verdadeiramente importante e, p o r ve z e s, d r a m á t i c a , porque o luto começa na morte mas vai muito para além da despedida no funeral. Para muitos, a dor, por vezes brutal, da perda é sentida como um fim, como uma tragédia, como algo que nos tiram, limitando a nossa capacidade de gestão dessa perda e a capacidade para reinvestirmos na vida pós-perda. “A vida continua” - diz o povo e manter viva a memória daquele que nos deixou é a melhor homenagem que lhes podemos tributar, por ele e por nós, os vivos que continuaremos o ciclo da vida. Nalgumas culturas, um funeral é uma festa ,apesar da maior ou menor dor que a perda representa para cada um dos vivos, mas, entre nós, um funeral ainda é um momento de dor, luto e consternação. Pode ser pretexto para cada um

fazer a sua auto análise de vida e das relações que manteve para com o defunto e se nada ficou por “resolver” (um perdão, um agradecimento, etc), ainda em vida daquele, e com maior ou menor medo da morte, olharmos para a vida, seja no ponto de vista metafísico, seja nos demais aspectos que se servem do corpo que um dia acabará também ele a sua função na terra e para lá irá, mesmo que em forma de cinzas, prática agora mais moderna . Diferente postura é o que observamos nas salas de espera dos consultórios médicos ou hospitais. Ali, o ambiente é mais pesado, talvez porque o que nos leva lá seja algo que dói e que, por amor à vida, sentimos mais esse “amor” quando estamos doentes, e tudo fazemos para salvar o corpo e evitarmos o sofrimento que, assim se crê, não existe n o p ó s - m o r t e. N a q u e l a antecâmara do diagnóstico médico, muitas pessoas competem pela doença e pelo sofrimento, suspiram, gemem e sem escutar o interlocutor até ao fim interrompem e atropelam o seu discurso, clamando para si próprio o primeiro lugar da doença, do sofrimento e da desgraça. Fazem ali uma espécie de catarse dos padecimentos , próprios e alheios, mas de tão repetido, o monólogo flui sem quebras ou interrupções, para martírio dos pacientes presentes. Precisam , contudo, que alguém dos presentes na sala, lhes dê a oportunidade para iniciarem as lamentações e desfiarem, em catadupa, todo os episódios, ao pormenor, de todos os males de que padecem e que, esgotado o rol dos próprios, recorrem aos dos familiares, vizinhos e conhecidos. “Olhe, mas o meu marido teve muito pior”. “... e no ano passado foi o nosso filho...”. Ou ainda : “Nem imagina o coitado do meu vizinho, o que ele sofre”argumenta. “Pior ainda foi o amigo do meu vizinho que morreu com essa doença” -contra ataca a outra parte. Nesta altura, e muitas vezes,

o tom já vai alto, assumindo o “diálogo” o teor de discussão e a mais feroz competição está ali patente, não passando despercebida a ninguém, mesmo que tente alhear-se de tanto “sofrimento”. Se alguém ousa entrar no “campeonato das doenças”, então a luta é renhida e só acaba quando um dos “sofredores” é chamado para a consulta. Até lá, cada um recorre às doenças e sofrimentos que a sua “equipa” padece, sempre com o objectivo de marcar pontos e derrotar assim o adversário. Obviamente que há algumas excepções e que fazem duma sala de espera o local ideal para “desenferrujar a língua” e a alma, tipo “ figurantes de bairro” que fazem ali uma espécie de púlpito para de tudo falarem, saltando de tema em tema, com a autoridade dos “sabe tudo” que, para além do “blá blá”, pouco se importam se o ruído incomoda os presentes, muitos deles com as debilidades que ali os levaram. Afinal, estão ali, com pouca paciência para ouvirem os “papagaios sabichões, críticos e autoritários” que, ainda por cima, abusam dos decibéis. Não fomos criados para sofrer, mas sim para viver a nossa humanidade, em tudo o que ela significa, e essa manifesta-se tanto na presença da morte física dos outros, como na dor, nossa e alheia. “Poderei morrer da doença, mas a doença não me matará” - m e n s a g e m d e e l ev a d a coragem e atitude de Manuel Forjaz que, recentemente e aos cinquenta anos, morreu de cancro e que, ainda na vida que cada vez sentia mais curta, pediu que o seu funeral fosse uma cerimónia alegre e que nele não houvesse choros nem vestidos e fatos pretos. A mim, que o “conheci” apenas nos poucos programas que fez na televisão (num canal por cabo e em horário tardio....), até poucos dias antes de falecer, tocou-me, profundamente, pelo exemplo de coragem e outras qualidades, mas também pela “dor da morte prematura”.

O CORREIO da Venezuela não pode ser considerado responsável e/ou patrocinador das opiniões que são expressas neste espaço.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

correio da Venezuela

19


20

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Lazer Pensa Verde Por Carla Salcedo Leal

Polietileno vs Papel

U

ma das medidas mais implementadas nos escritórios para tornálos mais amigos do meio ambiente é a diminuição de uso do copos de plástico. Mas esta luta extrapolou para outros caminhos, como nos Estados Unidos, onde se iniciou, em 2007, uma luta contra o uso de copos de plástico ou mais especificamente de polietileno, em grupos da área da restauração, reduzindo ainda mais o risco. A produção de copos e pratos de papel é equivalente em volume a cerca de um quarto do mercado de papel de cópia nos EUA, segundo a Fisher International Inc., que se especializa em dados sobre a indústria da celulose e do papel, enquanto os ambientalistas se centram no facto de que o papel é mais amigo do Planeta do que o polietileno, já que o segundo tende a quebrar-se nos aterros sanitários, e os animais confundem-no frequentemente com alimento, para além de ser um material difícil de reciclar se não estiver limpo e separado de outros plásticos. Entretanto, as empresas de polietileno discordam da noção de que este material seja menos amigo do ambiente, e atribuem essa ideia à falta de informação, enquanto cada vez mais estados norteamericanos proíbem o seu uso até que não se prove que pode ser reciclado. O poliestireno é composto por 95% de ar, pelo que se utiliza menos material para fabricá-lo, implicando um menor uso de energia e menos volume de desperdícios, enquanto os copos de papel podem não ser tão bons como parecem, já que apenas cerca de 11% das empresas de reciclagem nos EUA os pode reciclar, já que estão cobertos de plástico ou têm resíduos de bebidas, para além de serem um pouco mais caros. E ainda que já existam empresas a idealizar novos designs, como a International Paper Inc., que criou um copo, que já está em produção, completamente biodegradável, o debate acende os ânimos, pelo que se tem um negócio no qual sejam usados copos, e quer pensar no meio ambiente, antes de escolher os materiais, conheça os detalhes de uns e outros e verifique com qual você e o seu público se sentirão mais cómodos. Lembre-se sempre: Não importa onde, mas pense no Planeta, que é o nosso lar.

Horóscopo da Semana

Sabia que? Por Carla Salcedo Leal

Carneiro

Touro

Gémeos

Amor: Confie no Criador, pois ele tudo vê e tudo sabe. Sente-se abandonado? Não! Deus não abandona ninguém! Saúde: Cuidado com os rins, beba muita água. Dinheiro: É possível que tenha aquela promoção que tanto esperava.

Amor: Poderá receber a visita de um familiar que já não vê há muito tempo. Saúde: Faça mais exercício físico. Dinheiro: Seja alegre e optimista, enquanto trabalha; desempenhe o seu papel de coração aberto e com um sorriso na cara!

Amor: Você não tem inimigos, nossos inimigos são os pensamentos negativos! Saúde: Não coma demasiados doces. Dinheiro: Não gaste mais do que as suas possibilidades.

Caranguejo

Leão

Virgem

Amor: A sorte está do seu lado, a sua relação correrá às mil maravilhas. Saúde: Tendência para as dores de cabeça. Dinheiro: Aposte seriamente na sua competência, pois esta poderá recompensá-lo da forma como merece.

Amor: Andará nas nuvens, pois o amor invadiu fortemente o seu coração. Veja sempre a vida que Deus lhe dá como uma oportunidade para melhorar. Saúde: O cansaço poderá tomar conta de si, procure o seu médico e tome vitaminas para revitalizar.

Amor: Se tem algum problema que o está a incomodar é tempo de o resolver. Só você é responsável pelo seu caminho! Saúde: O seu sistema imunitário está muito sensível, seja prudente.

Balança

Escorpião

Sagitário

21/03 - 20/04

22/06 - 21/07

23/09 - 22/10

21/04 - 20/05

22/07 - 22/08

23/10 - 21/11

21/05 - 21/06

23/08 - 22/09

22/11 - 21/12

Amor: A sua capacidade de entrega e sensualidade estarão melhores do que nunca. Saúde: Procure ser mais forte e não se deixe abater pela adversidade. Dinheiro: Deixe de se preocupar com o seu futuro. Deus cuidará de si!

Amor: Procure ser menos protector. Deixe que os seus familiares façam as suas próprias escolhas. Saúde: Não deixe arrastar um problema de saúde, pois isso só vai agravar a sua situação.

Amor: Confie inteiramente num amigo de infância e partilhe com ele todos os seus segredos e projectos. Saúde: Comece a pensar em consultar o seu médico, pois é possível que venha a ter alguns problemas ósseos.

Capricórnio

Aquário

Peixes

Amor: Deixe-se conquistar por uma pessoa bastante interessante. Saúde: Participe numa modalidade desportiva colectiva. O contacto com outras pessoas vai ser muito benéfico para si.

Amor: A sua relação estará em profunda harmonia. É muito importante a Paz interior, ela é a garantia de uma vida feliz. Saúde: Cuidado com o sistema nervoso.

Amor: A impulsividade está neste momento a jogar contra si, seja prudente. Saúde: Poderá sofrer de uma otite. Dinheiro: Seja sempre grato a quem um dia lhe fez um favor!

21/12 - 20/01

21/01 - 19/02

Acabar com o analfabetismo a partir de um smartphone

20/12 - 20/03

Sudoku

Solução Actual

Q

uantas vezes nos esquecemos do grave problema de analfabetismo que existe no Mundo? E quantas vezes criticamos o pouco que os governos fazem para mudar essa realidade? Mas o certo é que a tecnologia da qual às vezes tanto nos queixamos pode ajudar-nos a mudar essa realidade, que afecta 774 milhões de adultos. Sabia que a ampla penetração do telefone móvel nos países em desenvolvimento torna-os ferramentas eficientes para lutar contra o analfabetismo? Esta foi a principal conclusão do estudo ‘Reading in the Mobile Era’, publicado recentemente pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), que destaca que “os telefones móveis estão a ajudar a eliminar o duradouro obstáculo do analfabetismo e proporcionando a muitas pessoas uma primeira porta rumo aos livros.” Ainda que pareça pouco provável, o atractivo formato dos smartphones tornou possível que cada vez mais pessoas estejam interessadas em aprender a ler e a escrever, segundo o relatório que recolheu dados em 4000 entrevistas pessoais, realizadas na Etiópia, Gana, Quénia, Nigéria, Paquistão e Zimbabué, a pessoas com idades inferiores a 35 anos. E você pergunta: Como é que isto é possível? Os redactores do relatório explicam que muitas vezes o analfabetismo se soma à pobreza extrema, o que não permite às pessoas acesso a livros de papel, pelo que introduzir a população à leitura através de dispositivos móveis revela-se um método eficaz e simples. As conclusões do relatório revelam que 90 por cento dos inquiridos mostra uma atitude positiva face à leitura em smartphones quando os experimenta, para além de aceitar que as principais barreiras da leitura em telemóveis são, entre outros pontos, a limitada oferta de títulos para telefones móveis sem acesso à Internet (59%) e os problemas de cobertura (53%), enquanto apenas 18% dos inquiridos aponta o custo das telecomunicações como um obstáculo adicional.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

correio da Venezuela

21


22

Correio da Venezuela

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Desporto

Taça da Liga

Benfica ‘rouba’ outra meia-final ao FC Porto

Vitória no Dragão, por 4-3, na marcação de grandes penalidades, depois de 0-0 ao fim do tempo regulamentar Correio/Lusa

O Benfica qualificou-se para a final da Taça da Liga 2013/14, ao derrotar, no domingo, 28 de Abril, no estádio do Dragão, o FC Porto, por 4-3 na marcação de grandes penalidades, depois de 0-0 ao fim do tempo regulamentar. FC Porto que teve mais ascendente, as melhores oportunidades e que em virtude da expulsão de Setevem Vitória, ainda na primeira parte, não soube aproveitar o facto de o Benfica jogar mais de 50 minutos com apenas 10 jogadores em campo. O árbitro madeirense Marco Ferrei-

programa da 29.ª jornada 4 de maio (16:00) Académica - V. Guimarães Arouca - Gil Vicente Benfica - V. Setúbal Estoril - Belenenses Nacional - Sporting Olhanense - FC Porto Rio Ave - Paços Ferreira Sp. Braga - Marítimo

o Benfica redimiu-se da época passada e aprofundou a tristeza dos “dragões”

ra não teve dúvidas em punir a entrada do central português sobre o colombiano Jackson Martínez, fora da área. À espera do vencedor deste jogo estava já o Rio Ave, que na outra meia-final - realizada a 13 de Fevereiro - havia derrotado (2-1) o Sporting de Braga, em Vila do Conde. Para o FC Porto é o fim de uma época paupérrima, onde os “dragões” perderam todas as competições em que estiveram envolvidos; a última foi também frente ao Benfica, no Estádio da Luz, onde os dragões falharam o acesso à final da Taça de Portugal ao perder por 3-1. O jogo que vai decidir o vencedor da Taça da Liga 2013/14 foi agendado para o Estádio Municipal de Leiria - Dr. Magalhães Pessoa, quarta-feira, 7 de Maio, a partir das 20:30 horas, com transmissão em directo na TVI. Entretanto, o campeonato regressa a 4 de Maio. A duas jornadas do fim, o título de campeão já foi entregue ao Benfica, e os restantes lugares de acesso à Liga de Campeões da UEFA ao Sporting e FC Porto. Em aberto encontra-se a definição das equipas a despromover.

Liga dos Campeões

Real de super Ronaldo arrasa em Munique Correio/Lusa

O Real Madrid qualificou-se, terça-feira, 30 de Abril, para a final da Liga dos Campeões de futebol ao vencer o Bayern de Munique, campeão em título, por 4-0, com dois golos de Ronaldo, em jogo da segunda mão das meias-finais. Na Allianz Arena, em Munique, uma semana após o triunfo por 1-0 no primeiro jogo, o Real Madrid, recordista de títulos de campeão europeu (nove), confirmou a presença na final com um “bis” de Sérgio Ramos (16 e 20 minutos) e outro de Cristiano Ronaldo (34 e 89), que fixou o recorde de golos numa só edição da “Champions” em 16. Naquela que será a sua 13.ª final, também um recorde, o Real Madrid, que alinhou com Pepe e Fábio Coentrão no “onze”, vai encontrar a 24 de Maio no Estádio da Luz, em Lisboa, o Atlético de Madrid, vencedor da meiafinal disputada frente ao Chelsea, na quarta-feira, 30 de Abril. A equipa de José Mourinho perdeu por 1-3, tendo os golos do encontro sido apontados por Torres (35), Adriáne (43), Diego Costa (60, g.p.), A. Turan (71). De nada valeu o bom resultado (0-0) em Madrid, na primeira-mão.

Taça de porTugaL

Ingressos para a final à venda a partir de 8 de Maio Correio/Lusa

Os ingressos para a final da Taça de Portugal, entre o Benfica e o Rio Ave, vão ser colocados à venda a partir de 8 de Maio, anunciou a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Segundo o organismo, estarão disponíveis 35.397 bilhetes, com valores de 15, 20 e 30 euros, que poderão ser adquiridos através do sítio da FPF na internet e pelo meios habituais dos clubes envolvidos. De acordo com os regulamentos da prova, os bilhetes para a final da Taça de Portugal são repartidos da seguin-

te forma: 60 por cento para os clubes finalistas (30 por cento para cada), 10 por cento para as associações de futebol envolvidas (Lisboa e Porto, cinco por cento cada), e 25 por cento para a FPF. A federação faz notar que os bilhetes para adeptos com mobilidade reduzida serão vendidos em exclusivo através do próprio organismo, com condições que serão comunicadas a partir de 8 de Maio. A final da Taça de Portugal, a disputar entre o Benfica e o Rio Ave, está marcada para 18 de Maio, às 17:15, no Estádio Nacional, em Oeiras.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

publicidade

correio da Venezuela

23


24

Correio da Venezuela

Breves

Listos para los Juegos de Playa As instalações desportivas que vão acolher a realização dos III Jogos Sul-americanos de Praia, entre 14 e 24 de Maio, no Estado de Vargas, receberam o visto do gerente técnico da Organização Desportiva Sul-americana (Odesur), Fabio Ramírez, que na companhia do governador do Estado, Jorge Luis García Carneiro, visitou as instalações. Nesta III edição dos Jogos Sul-americanos de Praia vão participar mais de 1.000 atletas de 15 países, incluindo a Venezuela. As modalidades convocadas são andebol, rugby, voleibol, ténis, futebol, triatlo, esqui aquático, surf e natação em águas abertas.

Pinto em destaque no Arizona A nadadora venezuelana, oriunda do Estado de Aragua, Andreína Pinto, terminou no quinto lugar na final dos 200 metros mariposa, no âmbito do Grand Prix de Mesa, realizado na cidade de Arizona, Estados Unidos, entre 26 e 27 de Abril. A “sereia” terminou a competição com um tempo oficial de 2:15.23, sendo a vencedora da prova a norte-americana Rebacca Mann (2:12.10).

DESPORTO

Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

Torneio CLauSura de FuTeboL

Zamora FC já cheira o título

Equipa já assegurou a participação na Copa Libertadores e poderá sagrar-se campeã na próxima jornada Carla Salcedo Leal csalcedo@correiodevenezuela.com

Pura adrenalina. Assim se descreve o ambiente vivido durante a 15.ª jornada do Torneio Clausura de futebol, que foi marcada pela disputa de jogos muito interessantes, como o clássico do futebol nacional Deportivo Táchira-Caracas FC, que permitiu à equipo “aurinegra” reencontrar-se com os seus adeptos em Pueblo Nuevo, onde compareceram em massa. A jornada arrancou no sábado, 26 de Abril, com o jogo que opôs o Zulia FC ao Yaracuyanos, tendo a vitória (0-2) sorrido aos visitantes, graças aos golos de Ángel Nieves (48’) e Johan Moreno (63’). No domingo, a ronda prosseguiu com festival de golos marcados na baliza do Atlético El Vigía pelos jogadores do Trujillanos. Arquímedes Figuera (26’), Fredys Arrieta (31’, 32’ e 77’) e James Cabezas (82’) foram os autores dos tentos que fizeram vibrar as bancadas do estádio Ramón Hernández. Os amazónicos do Tucanes também deram uma lição de bom futebol na recepção ao Estudiantes de Mérida, quem venceram por 3-1 com golos de Keiner Pérez (5’), Jesús González (59’) e Rolando Ramírez (90’). Os golos estiveram ausentes do Olímpico da UCV, já que Deportivo Petare e Aragua FC não foram além de um empate a zero num encontro que apenas gerou críticas ao mau estado

No Brígido Iriarte, o Atlético Venedo relvado. Os “rojos del Ávila”, que viajaram zuela caiu por 1-3 ante o Mineros de até San Cristóbal para disputar o se- Guayana, vencedor do Torneio anterior, e quem, segundo gundo clássico da jornase espera, vai disputar da, não foram capazes de o campeonato ante o Zacontrariar a inspiração a jornada mora FC, que também dos tachirenses. Motisomou os três pontos vados por um estádio arrancou no nesta ronda. E de que lotado, os locais vencesábado, 26 de maneira: os 6-2 aplicaram por 3-2, resultado abril, com o dos na recepção ao Caque atesta na perfeição o rabobo FC garantiram quão renhida foi a dispujogo que opôs também a presença na ta pela vitória. o Zulia FC ao Copa Libertadores e Já o Deportivo Lara Yaracuyanos. abrem a possibilidade perdeu por 0-1 ante o Dede a equipa se sagrar portivo La Guaira, que campeã na próxima jornada, em jogo continua sem ver a luz ao fim do túnel a disputar em Caracas. durante esta temporada.

Liga Zon SagreS

Mario Rondón admite ter clubes interessados

100 milhões para Sandoval Pablo Sandoval aspira celebrar um contrato de 5 anos por 100 milhões de dólares, segundo adiantou o jornalista da CBS Sports, Jon Heyman, assegurando, assim, pelo menos 20 milhões por temporada com o Gigantes de San Francisco, que ainda não deu o “sim”, embora não se tenham mostrado satisfeitos com a recusa da oferta feita ao jogador há algumas semanas que compreendia 40 milhões em três épocas. É esperado que ambas as partes cheguem a acordo, mas tanto Sandoval como o seu manager já asseguraram que se no final 2014 não se chegar a acordo, o “toletero” declarar-se-á agente livre.

Jogador venezuelano do Nacional da Madeira afirmou que gostaria de jogar nas ligas espanhola ou inglesa Correio/diário

O avançado Mário Rondón, do Nacional, clube da I Liga de futebol, admitiu, no passado 24 de Abril, haver clubes interessados na sua contratação e, sem falar em nomes, afirmou que gostaria de jogar nas ligas espanhola ou inglesa. O internacional venezuelano, melhor marcador da equipa orientada por Manuel Machado, garante não haver ainda nada de concreto, apesar dos convites que têm chegado. “Há vários clubes interessados, mas não há ainda nada de concreto. Tenho

contrato com o Nacional, mas nunca escondi a minha ambição e sempre mostrei vontade em jogar noutras ligas, como a espanhola ou a inglesa”, afirmou o jogador em conferência de imprensa. Satisfeito pelo facto de a equipa ter cumprido o objectivo da época, ao garantir o quinto lugar e a presença numa competição europeia, o jogador mostra-se confiante em voltar a marcar um golo ao Sporting, próximo adversário, na 29.ª jornada. “Já marquei ao Sporting, porque é que desta feita não o irei conseguir?

o internacional venezuelano é o melhor marcador do nacional.

Creio que com a ajuda dos colegas vou marcar e acredito que a equipa vai fazer um grande jogo e tentar vencer”, referiu. O Nacional, quinto classificado com 44 pontos, recebe o Sporting, segundo com 66, a 3 de Maio, em jogo relativo à 29.ª jornada da I Liga.


Quinta-feira, 1 de Maio a Quarta-feira, 7 de Maio de 2014

desporto

TriaTlo

Atletas do Cp deixam boa imagem em porto rico Dois atletas do Centro Português participaram no evento internacional “Ironman 70.3” Sergio Ferreira Soares

Andy de sousa e Fabio Fernandes protagonizaram uma prestação bem sucedida na prova de triatlo “Ironman 70.3”, que se levou a cabo, pelo quarto ano consecutivo, em porto rico, no passado domingo 13 de Abril. os atletas do Centro português, de Caracas, competiram conta perto de 1400 atletas, oriundos de 40 países, completando o percurso que se iniciou e Laguna del Condado e terminou em san Juan. A prova de natação, que consistiu num percurso de 1.2 milhas nas águas protegidas de Laguna del Condado, abriu evento. Finalizada esta etapa, os participantes deslocaram-se para a área de transição no parque sixto escobar para se prepararem para a prova de ciclismo, que compreendeu um traçado de 56 milhas por entre as povoações de san Juan, Guaynabo, Cataño, toa Baja e dorado. A última etapa, a pedestre, de 13.1 milhas, começou no parque sixto escobar e passou por Viejo san Juan antes de terminar no parque del tercer Milenio. Andy José de sousa Velázquez,

Fabio Vaz Fernandes Goncalves

andy José De Sousa Velázquez

Categoria: 30 a 34 anos Masculino Lugar: 16 Ranking General: 85 Tempos obtidos Natação: 00:38:27 Transição: 00:04:30 Bicicleta: 02:39:49 Transição: 00:01:55 Corrida: 01:42:58 Tempo Total: 05:07:39

Categoria: 25 a 29 anos Masculino Lugar: 9 Ranking Geral: 65 Tempos obtidos Natação: 00:36:09 Transição: 00:04:22 Bicicleta: 02:34:24 Transição: 00:02:49 Corrida: 01:44:20 Tempo Total: 05:02:04

Correio da Venezuela

25

29 anos, conquistou o nono lugar na categoria Masculina de 25 a 29 anos, tendo se posicionado em 65.º lugar na classificação geral, com um tempo de 05:02:04. “sinto-me bastante bem com o resultado obtido. sei que podia ter-me esforçado mais na parte da corrida, mas foi bastante difícil porque o caminho tinha muitas subidas e o calor era demasiado forte, com muita humidade”, disse o atleta, observando que a “meta” que se propôs foi “cumprida” e que se sente “satisfeito por isso. dedico-o e agradeço a deus, antes de tudo, e à minha família, por todo o seu apoio”, disse este administrador de profissão. por seu turno, Fabio Vaz Fernandes Goncalves, 31 anos, posicionou-se no 16.º lugar na categoria Masculina de 30 a 34 anos, e em 85.º da classificação geral, graças a um registo de tempo de 5:07:39. “o evento teve uma excelente organização e sinto-me contente por tê-lo terminado, já que não sabia se o ia conseguir”, começou por dizer o atleta acerca da sua prestação no evento. “Contudo, dei o melhor de mim e isso permitiu-me ficar entre os 20 primeiros”, acrescentou, reconhecendo que poderá “melhorar esses tempos para a próxima”. o atleta dedicou a participação aos três filhos e à esposa e convidou todos quantos que não praticam desporto para fazerem a prova. “Vivemos numa cidade e num país que está passando por situações difíceis, e acredito que o desporto é o espaço que necessitamos para drenar o stress e as más vibrações que se respiram”, disse este analista financeiro.

MoTocicliSMo

rodríguez recuperado para regressar às pistas Piloto já completou o plano de recuperação e agora prepara a estreia no circuito AMA da costa oeste dos EUA carla Salcedo leal csalcedo@correiodevenezuela.com

o piloto de motocross luso-venezuelano Anthony rodríguez está preparado para assumir novos desafios e regressar às pistas, após ter recuperado de um acidente sofrido na costa leste dos estados Unidos que o afastou da competição. rodríguez tem vindo a preparar-se na costa oeste para concretizar aquela que será uma estreia absoluta na série profissional de motocross na classe 250cc. será na Califórnia a disputa da primeira prova, no próximo 24 de Maio,

no circuito Glen Helen, evento para o qual a A-rod já retomou em pleno os seus treinos sobre a mota 250cc da equipo Yamalube star Yamaha, após permanecer inactivo durante quase dois meses. Apesar de não ter podido terminar nenhuma das duas corridas em que participou no supercross AMA na categoria 250cc, rodríguez deixou uma imagem de constância da sua qualidade e velocidade, ao posicionar-se entre os três primeiros em ambas provas, onde só as quedas o impediram de alcançar um lugar no pódio. os responsáveis da esquadra de

Anthony rodríguez haviam considerado, inicialmente, a hipótese de o levar a competir na grande final do AMA supercross de 250cc, que se efectuará dentro de duas semanas em Las Vegas, Nevada, mas acordaram que o melhor era concentrar-se para estar na plena forma no arranque do motocross na divisão de quarto de litro, cujas primeiras datas foram agendadas na Califórnia a 24 e 31 de Maio. Até há

alguns dias, rodríguez mantinha-se em recuperação em Atlanta, na sede da sua equipa de preparadores da reconhecida escola de motocross Millaps, na localidade de el Cairo, instituição na qual o piloto se preparou minuciosamente desde há alguns anos nesta disciplina motorizada. Anthony completou satisfatoriamente a sua recuperação e encontra-se bastante motivado com vista ao início da temporada.


dEspOrtO / pág. 25

CUltUrA / pág. 17

Atletas do CP deixam boa imagem em Porto Rico

Albi de Abreu em comédia criada para telemóveis

www.correiodevenezuela.com ∙ Facebook: El Correio | Correio de Venezuela ∙ Twitter: @correiodvzla

IMAGEM dA sEMAnA

dAdO dA sEMAnA vEnEzUElA

Cepal reduz projecção de crescimento na América Latina

MUndO

Papa envia mensagem contra o racismo durante abertura do Mundial

Um balanço elaborado pela Divisão de Desenvolvimento Económico da Comissão Económica para América Latina e Caribe (Cepal), divulgado terça-feira, 29 de Abril, prevê que a região cresça 2,7% em 2014. Segundo a comissão, a estimativa se deve ao dinamismo limitado que as economias da região vêm apresentando. A previsão de 2,7% de crescimento é um pouco superior à de 2013, que foi de 2,5%, mas inferior à previsão feita em Dezembro, que foi de 3,2%. Segundo o relatório, embora as economias norte-americana e europeia estejam se recuperando da crise financeira de 2009, o contexto externo ainda é de incertezas. O estudo mostra que os países desenvolvidos devem crescer 2,2% em 2014, o que representa um avanço significativo em comparação com os 0,3% registados entre 2007 e 2010. Segundo as previsões da Cepal, o Panamá é o sulamericano que mais crescerá em 2014 (7%), enquanto que no outro extremo estará a economia da Venezuela, que cairá 0,5%.

O Papa Francisco vai participar da campanha contra o racismo na Copa do Mundo, garante a presidente Dilma Rousseff. Convidado a vir ao Brasil para o jogo de abertura do Mundial, o pontífice disse que não poderia estar presente e aceitou enviar um manifesto contra a discriminação racial. O texto do Papa, segundo Dilma, vai ser lido por um jogador da selecção brasileira minutos antes do início da partida e tem o aval da Fifa. “Conversei com o Papa sobre a nossa disposição de fazer da Copa um marco mundial contra o racismo, assim como estamos conversando com líderes de todos os segmentos religiosos. Ele (o Papa) concordou com a nossa proposta, lamentou não poder vir ao jogo de abertura, mas se prontificou a mandar o texto para ser lido antes do jogo” disse a presidente Dilma, em conversa com um grupo de jornalistas de desporto, na segunda-feira, 28 de Abril, no Palácio do Alvorada, em Brasília.

pOrtUGAl

Número de mortes em acidentes de viação desceu em Portugal pOrtUGAl

Vikings poderão ter chegado à Madeira no século X Humanos podem ter chegado ao arquipélago da Madeira quatro séculos antes da ocupação portuguesa da ilha, segundo um estudo hoje divulgado em Espanha e que datou ossos de ratos encontrados na Ponta de São Lourenço. O estudo, liderado por uma equipa do Centro Superior de Investigações Cientificas (CSIC), indica que a datação de ossos de ratos fossilizados encontrados na zona sugere que o rato doméstico chegou à ilha antes de 1036. Segundo os resultados do estudo, publicado na revista Proceedings of the Royal Society B, os ratos teriam sido levados para a ilha a bordo de um navio. Investigações até agora sugeriam que a chegada dos humanos à Macaronésia teria ocorrido em dois períodos sucessivos: um limitado às Canárias, há dois milénios, e outro, colonial, a partir do século XVI, em todos os arquipélagos do grupo, nomeadamente, no caso da Madeira, a partir de 1419.

O número de mortes nas estradas em Portugal baixou 7,6% entre 2001 e 2012, segundo um relatório divulgado, terça-feira, 29 de Abril, pelo Conselho Europeu da Segurança nos Transportes (CEST). Segundo o relatório, a Espanha - com uma redução média anual de 12% entre 2001 e 2012 - é o país com a melhor prestação, seguindo-se a Lituânia (11%), França, Estónia, Suíça, Suécia, Holanda, Dinamarca, Reino Unido, Hungria, Chipre, Alemanha e Portugal, todos com reduções anuais acima dos 7,4% (média europeia). Segundo o CEST, a condução sob o efeito do álcool e o excesso de velocidade continuam a ser a principal causa das mortes nas estradas europeias.

Correio da Venezuela 554  

Edición 554

Correio da Venezuela 554  

Edición 554

Advertisement