Issuu on Google+

A A P

jornal dos

AGOSTO-SETEMBRO/2012

APOSENTADOS e pensionistas

www.aapjr.org.br

ASSOCIAÇÃO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DE JUNDIAÍ E REGIÃO

nº 291

Índice de 5% não prevê aumento real

página 3

O Grito dos Aposentados em brasília: Dilma e equipe econômica não escutam

Vista de pôr-do-sol no Pantanal: Mais um passeio da AAPJR

PANTANAL: Para associados e amigos interessados em pescar no Pantanal. Procure a equipe do Lazer da AAPJR e conheça o pacote de viagem página 8

Dirigentes da Associação durante ato de aposentados em Brasília

página 5

ELEIÇÕES MUNICIPAIS: dos Aposentados estará na Associação Dr. Alberto Silva, que setembro de ade de Vida, dia 21 em palestra no Qualid

página 8

Em atividade da AAPJR, PREVIDÊNCIA: candidatos à prefeitura de Queremos ser Jundiaí apresentam o plano ouvidos!!! de governo página 7 página 4


2

INFORMAÇÕES

Calendário pagamentos SETEMBRO/OUTUBRO 2012

até 1 salário mínimo Final do benefício

1 2 3 4 5 6 7 8 9 0

SETEMBRO

OUTUBRO

24/09 25/10 25/09 26/10 26/09 29/10 27/09 30/10 28/09 31/10 01/10 01/11 02/10 05/11 03/10 06/11 04/10 07/11 05/10 08/11

acima de 1 salário mínimo Final do benefício

SETEMBRO OUTUBRO

1 e 6 2 e 7 3 e 8 4 e 9

01/10 02/10 03/10 04/10

01/11 05/11 06/11 07/11

5 e 0

05/10

08/11

Fique sócio da AAPJR

EXPEDIENTE Informativo: Departamento de Comunicação. Rua XV de Novembro, 1336, Jundiaí/SP, cep 13.201-305. Fones: (11) 4586 1129 Site: www.aapjr.org.br Associação: aapjrdestaque@ gmail.com Farmácia: farmaciaaposentados @aapjr.org.br Diretor responsável: Marcos Tebom Jornalista responsável: Fé Martins Juncal - Mtb 0063416 Diagramação: Selma Cerri Tiragem: 15 mil exemplares

Fale com a Associação

E

stá sendo implantado na sede da AAPJR , em setembro, o espaço Ação e Cidadania. Ele tem o objetivo de ampliar o diálogo entre o associado e a Associação dos Aposentados. É mais um canal de comunicação. Você poderá trazer suas sugestões ou críticas. Basta depositá-las na urna instalada na recepção da AAPJR. É democrático e construtivo. Participe!

AGOSTO-SETEMBRO/2012

A A P

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas


A A P

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas

AGOSTO-SETEMBRO/2012

REAJUSTE NOS BENEFÍCIOS

3

5% para aposentadorias e 7,9% para o mínimo, prevê Orçamento Índice contempla apenas reposição da inflação, sem aumento real

E

stá no Congresso Nacional o projeto do Orçamento da União para 2013. Sobre o equivalente a R$ 259,9 bilhões, o Congresso poderá redefinir a alocação dos recursos. O reajuste, que afeta diretamente as aposentadorias do Regime da Previdência Social acima do salário mínimo, tem previsto no orçamento apenas a reposição da inflação (5%). A última vez que os segurados que ganham acima do mínimo tiveram reajuste real foi em 2010, resultado de muita luta dos aposentados. Em 2012, o governo fixou reajuste de 6,8%, relativo à estimativa da variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2011. A proposta também ficou bem abaixo das reivindicações dos aposentados, que pediram a reposição do INPC mais 80% do Produto Interno Bruto (PIB) do ano anterior, o que corresponderia a um reajuste de cerca de 12%.

Salário mínimo O reajuste do salário mínimo está previsto para o valor de R$ 670,95, um aumento de 7,9% sobre o

atual, que é de R$ 622,00. O número é a soma da inflação medida pelo INPC (5%), acrescida do crescimento do PIB de 2011 (2,7%). O cálculo para o aumento está previsto na Lei 12.382/11.

Sem aumento real Com a previsão de crescimento do PIB de 4,5%, com inflação controlada abaixo dos 5%, ainda no orçamento da União haverá uma previsão de recursos equivalente a R$ 15,2 bilhões, direcionados para uma nova rodada de desonerações fiscais que somente favorece o remanejamento do lucro do empresário. Entretanto, para reajustes das aposentadorias bastariam R$ 8 bilhões de reserva no Orçamento para aumento real. Mas, o governo Dilma Rousseff, através da ministra do Planejamento Miriam Belchior foi taxativo: “Não há orçamento previsto para reajuste real de aposentados para 2013!” Neste ano de 2012 as desonerações promovidas pelo governo para ativar a

Desoneração não faz PIB crescer Com o crescimento do PIB no segundo trimestre de apenas 0,4%, do que adianta a desoneração da folha de pagamento? O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro voltou a decepcionar no segundo trimestre deste ano, crescendo somente 0,4% quando comparado ao trimestre anterior, consolida o pessimismo em relação ao crescimento em 2012, levando a projeções de 1,5% no ano ou até menos. O resultado ocorreu mesmo com forte economia já somam R$ 43,3 bilhões. Como resultado se vê um tímido crescimento da economia. Defendemos a reabertura da negociação sobre o reajuste dos aposentados. A AAPJR mobilizará os deputados federais para que aprovem emendas para remanejar recursos para prover reajuste real nas aposentadorias.

redução dos juros e diversas medidas tributárias como a desoneração da folha de pagamento, com o que os empresários passaram a pagar 1% sobre o lucro, que antes era de 20% sobre o total da folha, mais a oferta de crédito, adotadas desde o segundo semestre do ano passado. Para estimular o crescimento, o governo já abriu mão de R$ 108 bilhões em incentivos e ainda estuda medidas para tentar alavancar o fraco crescimento da

economia. A ampliação da desoneração da folha está entre as medidas analisadas. A ideia é estender o benefício para os setores incluídos pelo Congresso na Medida Provisória 563, do plano Brasil Maior, que está prestes a ser sancionada. Com isso, deverão ser beneficiadas companhias aéreas, empresas de ônibus e respectivos serviços de manutenção, indústrias de brinquedo e agroindústria, entre outras.


4

DISCRIMINAÇÃO

AGOSTO-SETEMBRO/2012

A A P

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas

Comissão de desoneração não tem participação de aposentado Governo cria grupo para discutir Previdência e não quer ouvir os aposentados

À

s pressas, o governo Federal criou uma comissão para avaliar e acompanhar a desoneração da folha de pagamento da indústria. A primeira reunião ocorreu na tarde de 23 de agosto, na Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Fazenda. A comissão foi presidida pelo secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Márcio Holland. Outros representantes do governo Federal, dentre eles a Receita Federal, ministérios e Secretaria-Geral da Presidência da República, empresários e trabalhadores formaram o grupo.

mocrático. Enquanto a equipe econômica do ministério de Guido Mantega amplia a desoneração da folha a favor de empresários, os

aposentados não são reconhecidos e continuam ano a ano amargurando as perdas no valor de compra de suas aposentadorias.

Desprezo Mais uma vez, de forma rasteira e antidemocrática, o governo desprezou os aposentados, não convidando nenhuma entidade representativa da categoria para tomar assento na mesa de trabalhos desta nova comissão. Assim, essa comissão já nasceu morta e sem a devida representatividade. É incoerente decidir o destino das verbas destinadas à Previdência Social sem consultar seus verdadeiros donos, que são os aposentados, pois foram as suas contribuições durante décadas que constituíram esse patrimônio. Estamos vivendo num país de amnésia governamental e de governo antide-

www.oticasvisual.com.br


A A P

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas

AGOSTO-SETEMBRO/2012

SURDEZ PRESIDENCIAL

O Grito dos Aposentados: Dilma e equipe econômica não escutam 1,5 mil aposentados de diversos estados pedem reajuste real em ato realizado em Brasília

C

om bandeira na mão, diretores da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jundiaí e Região uniram-se com mais de cinco mil manisfestantes entre aposentados, pensionistas e trabalhadores da ativa chegados em caravanas de todo os recantos do país, enfrentaram o sol quente e o ar seco da capital federal no dia 15 de agosto, para reivindicar maior reajuste para os benefícios previdenciários, recomposição das aposentadorias e pensões e retomada do grupo de negociações com a Previdência.

Repressão Durante os protesto, os aposentados foram impedidos de entrar no Congresso Nacional devido à forte repressao policial. Este ato escancarou muito a contradição com a democracia que é muito divulgada, mas não colocada em prática.

Resgatar dignidade Defendemos aumento real para as aposentadorias acima do mínimo e medidas que resgatem a vida digna ao aposentado de todo país. A COBAP organizou a chegada das delegações e ações essenciais para o fortalecimento do movimento “Grito dos Aposentados”.

Após cinco horas de concentração na Praça dos Três Poderes e muita negociação, uma comissão de aposentados indicada pela COBAP foi recebida pela assessoria especial da Secretaria Geral da Presidência da República, José Lopes Feijóo. Foi entregue ao senhor Feijóo carta reivindicatória (leia ao lado) dos aposentados, endereçada à presidente Dilma Rousseff.

Recursos existem Se há recurso volumoso no orçamento da União de R$ 15,2 milhões reservados para uma nova rodada de desonerações fiscais em 2013, por que os aposentados são sucumbidos a aceitar o reajuste de até 5% para o próximo ano? A ANFIP no seu “Caderno Análise da Seguridade Social 2012” informa que no ano de 2011 sobrou no Caixa da Seguridade Social o valor de R$ 77,193 bilhões (ver em: www.anfip.org.br). A AAPJR reafirmará sempre sua posição de luta até que o governo dê a atenção necessária e se posicione pela dignidade dos aposentados. A pressão nas ruas tem papel fundamental. Nós aposentados ajudamos a eleger um governo democrático e popular que precisa garantir reajuste real para as aposentadorias acima do mínimo.

5


6

SERVIÇO

AGOSTO-SETEMBRO/2012

A A P

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas

INSS: 2,7 milhões de segurados irão receber reajuste ou atrasado Fonte: Agência Brasil

O

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) formalizou a revisão do pagamento de benefícios por incapacidade (aposentadoria por invalidez, pensão por morte e auxílio-doença) de aproximadamente 2,7 milhões de segurados, concedidos entre 1999 e 2009. Serão reajustados os benefícios de aproximadamente 491 mil segurados ativos e pagos os atrasados a aproximadamente 2,3 milhões, que já tiveram o benefício cessado. O pagamento será feito automaticamente. A correção feita pelo INSS é resultado de uma

mudança no regulamento da Previdênciao Social, segundo o Decreto 3.048/1999. Os benefícios foram calculados erradamente.

Pagamento terá início em janeiro/2013 O acordo entre o INSS os pagamentos das diferenças começarão a ser feitos a partir de janeiro de 2013. Segurados com mais de 60 anos receberão a partir de fevereiro, independentemente do valor. Os beneficiários entre 45 e 59 anos vão receber entre 2014 e 2016, sendo valores até R$ 6 mil, em abril de 2014; de R$ 6 mil a R$19 mil, em abril de 2015; e acima de R$

19 mil, em abril de 2016. No caso dos segurados com até 45 anos, as quantias de até R$ 6 mil serão pagas em abril de 2016; de R$ 6 mil a R$ 15 mil, em abril de 2017; e acima de R$ 15 mil, em abril de 2018. Os atrasados de segurados com o benefício cessado, mas que têm direito receberão no período de 2019 a 2022. Quem tem mais de 60

anos de idade, o pagamento será a partir de abril de 2019, independentemente do valor. De 46 a 59 anos, em abril de 2020. Com até 45 anos e direito a até R$ 6 mil, receberá em abril de 2012, e acima de R$ 6 mil, em abril de 2022. Doentes terminais e segurados com HIV ou câncer terão prioridade no pagamento, não serão levadas em consideração a idade ou a quantia

atrasada nesses casos.

Informações na AAPJR Para maiores informações e orientações, compareçam munidos da carta de concessão do benefício previdenciário na Diretoria de Assuntos Jurídicos, falar com Therezinha Ometto, todas as terças, quartas e quintas-feiras.


A A P

ELEIÇÕES 2012

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas

AGOSTO-SETEMBRO/2012

AAPJR lança Ação e Cidadania para as eleições municipais Candidatos à prefeitura de Jundiaí apresentam plano de governo na sede da associação

A

Associação dos Aposentados, com apoio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) 33ª/ SP- Jundiaí, Pastoral Fé e Política e ONG Voto Consciente lançou em Jundiaí e região a atividade Ação e Cidadania para a Eleição Municipal 2012. Ela tem como objetivo reafirmar o papel da mobilização dos aposentados e idosos para a escolha de governantes e bancadas parlamentares comprometidos com o projeto de desenvolvimento sustentável e democrático e por políticas públicas mais vigorosas e concretas que corroboram com nossas concepções democráticas e de fortalecimento.

Debate com candidatos A agenda com os candidatos à prefeitura de Jundiaí teve início em 31 de agosto. Os candidatos apresentam o plano de governo e discutem sobre políticas públicas para o idoso. A Associação dos Aposentados encaminhou previamente aos cincos candidatos

ao cargo majoritário dez perguntas voltadas à política pública ao idoso. São elas: 1) Implantação de centros de referência da saúde do idoso por região; 2) Implantação de centros de convivência do idoso por região, planejados para acolher e possibilitar a convivência e interação social entre idosos que têm autonomia e necessitam de espaços de convivência; 3) Criação de uma secretaria especial municipal dos direitos da pessoa idosa;

4) Programas de moradia para idosos; 5) Acessibilidade e mobilidade do idoso; 6) Formação de núcleos nas universidades e escolas, com foco para a formulação de uma cultura do envelhecimento; 7) Formação de núcleos de combate à violência contra o idoso; 8) Implantação de delegacia para atendimento ao idoso; 9) Isenção de tarifa do ônibus de transporte público a partir de 60 anos; 10) Revisão da política de trânsito para implantações de ações

voltadas à mobilidade do idoso.

Gravação Os encontros entre candidatos à prefeitura de Jundiaí e aposentados e idosos segue a agenda da Ação Cidadania, prevista para os dias 06, 10 e 14/09 às 19h00, dia 22/09 às 09h00, na sede da Associação dos Aposentados. O departamento de comunicação da AAPJR está gravando os encontros e, posteriormente, o vídeo ficará a disposição dos associados para ser assistido na sede da associação.

7


8

VIVER A VIDA!

AGOSTO-SETEMBRO/2012

A A P

jornal dos

APOSENTADOS e pensionistas

Cultura e Lazer na Associação Divulgação dos 50 melhores trabalhos e lançamento do livro do Concurso de Poesias

A

companhe o roteiro de passeios e visitas programados até o final do ano, com acompanhamento de coordenadores: • Fábrica Schincariol e Cachoeira em Salto – dia 28 de setembro (sexta-feira: Transporte, seguro viagem e almoço. Vagas limitadas.

Mercado Municipal, em SP

• Parque do Jaraguá, Centro Cultura Banco do Brasil e Mercado Municipal, em São Paulo – dia 9 de outubro (terça-feira): Transporte, seguro viagem, kit lanches e monitores.

• Paranapiacaba (SP) – dia 18 de novembro: Transporte, seguro viagem, guia local, almoço e ingresso no expresso turístico.

• Águas de São Pedro (SP) – de 14 a 16 de dezembro (sexta-feira a domingo): Transporte, seguro viagem, café da manhã, almoço, lanche da tarde e atividades com monitores.

• Praia Grande, com passeio de escuna – de 08 a 12 de novembro (quinta a segunda-feira): Hospedagem, pensão completa, transporte, seguro viagem e a grande novidade

• Teatro Municipal e Jantar em cantina no Bixiga – dia 29 de novembro: Inclui, transporte, seguro viagem e o jantar em famoso bairro italiano em São Paulo.

• Recanto JB, em Cotia (SP) – dia 18 de dezembro (terça-feira): Transporte, seguro viagem, café da manhã, almoço, lanche da tarde e monitores.

do passeio de escuna.

Concurso de poesias: Os 50 melhores trabalhos e lançamento do livro, dia 27 Após sucesso de participação de poetas dos quatro cantos de Jundiaí, região e algumas cidades do estado de São Paulo no X Concurso de Poesias “Desperte o Poeta que Existe em Você”, a Associação dos Aposentados fará o lançamento do livro e a cerimônia de divulgação das 50 melhores poesias no dia 27 de outubro (sábado) às 18horas, em

sua sede social. Agradecemos aos poetas que prestigiaram o X concurso literário. As poesias recebidas foram cuidadosamente avaliadas pela comissão julgadora, presidida pela dedicada escritora Julia Hermann. Será uma cerimônia inesquecível! Traga sua família, amigos e participe deste momento cultural.

Viajar e pescar no Pantanal Estamos formando grupo de associados(as) e amigos(as) interessados em pescar no Pantanal. Na viagem estarão inclusos o transporte, hospedagem, refeições, barco a motor e piloto. Procure a equipe do Lazer de segundas a sextasfeiras, das 8h às 11h30 e das 13h às 16 horas, para todas as informações sobre este passeio no Pantanal, um dos mais belos recantos do Brasil e reconhecido no mundo inteiro.

Nesta edição do Programa Qualidade de Vida conseguimos, através da união das entidades que integram este fórum, trazer mais olhares sobre as expectativas de vida ativa para uma longevidade. Convidamos o Dr. Alberto Silva, personalidade atuante que desenvolve intenso trabalho de motivação através de suas palestras. Como chegar bem aos 115 anos será uma forma bem humorada e bem consistente deste nosso potencial biológico

de vida, demonstrando a evolução desde a Idade das Cavernas, passando pela Idade Antiga, Idade Média e terminando nos dias de hoje. O apoio à atividade é da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jundiaí e Região, Associação dos Aposentados Fundação CESP – Jundiaí; UDEMO - Sindicato de Especialistas de Educação do Magistério Oficial do Estado de São Paulo. A coordenação é da vereadora Marilena Negro.


jornal-set12