Page 1

18 anos 12.17/01.18

Hellen Carolina A marca que mais cresce no ramo atacadista do sul do país RS moda As tendências de estampas para moda praia 2018

RS TURiSMO Rumo à Copa do Mundo na Rússia: conheça o país-sede expansaors.com.br

Ano 18/19

nº 214 R$ 13,00


2

ExpansaoRS.com.br


3


N E B M O C S A I R FÉ D

O Ã Ç U L O DEV

T S O P IM


E

S O I C Í F E N

S O D O

S O ST


8

EXPANSAORS.COM.BR


9


Da redação

Inspire-se

Ficha Técnica adminisTração Ana Maribel Pacheco | Diretora geral ana@revistaexpansao.com.br Sérgio Luiz Jost | Diretor comercial sergio@revistaexpansao.com.br

EM 2018

Ana Maribel Pacheco Diretora Geral/ Coordenadora Editorial

Mayara Morales | Repórter/Estagiária redacao@revistaexpansao.com.br Gabrielle Pacheco Assistente de redação e mídias gabrielle@revistaexpansao.com.br criação Alexandre Bitello | Edição de Arte (ABDesigner) alexandre@revistaexpansao.com.br assinaTuras assinaturas@revistaexpansao.com.br assEssoria Jurídica Becker&Santos Advogados | OAB/RS 3.201 contato@beckeresantos.com.br imprEssão Comunicação Impressa Porto Alegre/RS (51) 3212-6011 abrangência Porto Alegre, Grande Porto Alegre, Vale do Sinos, Vale do Paranhana, Vale do Caí, Vale do Rio Pardo, Região das Hortênsias e Encosta da Serra

www.expansaors.com.br 18 anos

Fim de ano. Época de encontrar o presente de Natal certo para quem amamos, de organizar todas as contas para não começar 2018 no prejuízo, de se preparar para as férias... acaba que a mente e o corpo ficam exaustos e, consequentemente, temos menos tempo para nos dedicarmos à familia e aos amigos, o trabalho já não rende tanto. Com esse cansaço, podemos ficar sem perspectiva diante do futuro ou, até mesmo, sentir que o ano não foi como planejamos, nos falta inspiração. Pensando nisso, formulamos a nossa edição de dezembro/janeiro, justamente com esse tema: inspiração. O que é inspirador para você? O que te move a levantar todos os dias e fazer o que tem que fazer? Como podemos levantar nosso astral, expandir nossa capacidade de produção e ser, por que não, uma pessoa melhor? Partindo desses questionamentos, trouxemos reportagens que, certamente, podem inspirar você, leitor, a ter uma reflexão. Terapias alternativas, como shiatsu e musicoterapia, podem ser a chave para relaxarmos e termos uma rotina mais produtiva. Na capa, os biquínis da Hellen Carolina, marca que vem crescendo e mostrando a que veio no mercado fashion. Como 2018 é ano de Copa do Mundo, trouxemos um roteiro completo das cidadessede russas, com fotos incríveis! 2017 foi feito de retomadas pós-crise (ou será que não?), em que o mercado tenta se reerguer depois de um período conturbado, tanto na economia quanto na política, e esperamos que o ano que está vindo seja de renovação, em todos os sentidos, e de muitas conquistas e inspirações! Aproveite a leitura e boas festas!

Expansão rs rEdação site@revistaexpansao.com.br

12.17/01.18

CAPA | Edição 214 Hellen Carolina

Hellen Carolina A marca que mais cresce no ramo atacadista do sul do país RS MODA As tendências de estampas para moda praia 2018

Criação: Alexandre Bitello ABDesigner (Expansão RS) Fotografia: Denise Wichmann/Especial Tratamento de imagem: Lian Parma

RS TURISMO Rumo à Copa do Mundo na Rússia: conheça o país-sede expansaors.com.br

Ano 18

Ligue e Assine:

nº 214 R$ 13,00

(51) 3065-6380 revistaexpansaors

expansaors

@revistaexpansao

revistaexpansao

(51) 999-467-405

DeZeMBro/2017 e Janeiro/2018 - Os artigos assinados não representam, necessariamente, o pensamento da revista. Não é permitida a reprodução parcial ou total dos artigos publicados na revista sem prévia autorização do editor. Rua Quintino Bocaiúva, 99, Centro/Novo Hamburgo - RS | 93510-270 | (51) 3065-6380, (51) 3036-6380 ou (51) 3036-6381 CNPJ 03.526.627.0001/79

10

ExpansaoRs.com.bR


11


PUBLIEDITORIAL

Q

Há dez anos, a Sinoscar abriu sua filial no município de Dois Irmãos. Vendendo exclusivamente carros da Chevrolet, só cresceu desde então. Para marcar o aniversário, o coordenador José Odilto organizou coquetel, nas dependências da revenda, contando com as presenças de clientes, convidados, colaboradores e autoridades, entre elas a prefeita Tânia da Silva. Além disso, o Coral Misto Santa Cecília apresentou diversas músicas natalinas, emocionando o público presente. Gabrielle Pacheco/Especial

uando tudo começou em uma revenda de carros no ano de 1947, a Sinosserra sabia que ia crescer, mas superou todas as expectativas. Setenta anos depois, o Grupo Sinosserra possui mais de mil funcionários e 20 empresas em diversas áreas de atuação. Entre algumas marcas consagradas, O Grupo Sinosserra administra a Sinoscar, a Guaibacar e a Tramonto Jeep. Mas nada disso seria possível, segundo os diretores do Grupo, sem a confiança do cliente depositada nas empresas.

SINOSCAR DOIS IRMÃOS COMEMORA 10 ANOS

Equipe de colaboradores da Sinoscar Dois Irmãos

12

EXPANSAORS.COM.BR

Fotos: Homero Schuch/Especial

Grupo Sinosserra: há 70 anos crescendo junto com você


Há 70 anos, 10 deles também em Dois Irmãos, a Sinoscar trabalha todos os dias para oferecer a você as melhores condições, o maior estoque e a maior qualidade nos serviços. E se chegamos até aqui, é porque temos a sua confiança. Obrigado por contar com a gente.

MONTENEGRO (51) 3649.6900

NOVO HAMBURGO (51) 3584.1300

SAPIRANGA (51) 3599.4100

ASSIS BRASIL (51) 3347-8484

CANELA (54) 3278.6800

DOIS IRMÃOS (51) 3564.9400

SÃO LEOPOLDO (51) 3590.7600

TAQUARA (51) 3541.6700

FARRAPOS GUAÍBA (51) 3357-4000 (51) 3491.0400

FAÇA REVISÕES EM SEU VEÍCULO REGULARMENTE.

/SINOSCARRS

SINOSCAR.COM.BR


Fotos: Divulgação

dezembro janeiro 40 | RS tuRiSmo Um roteiro especial da rússia para a Copa do mundo 2018

56 | RS teRapiaS alteRnativaS maneiras de relaxar para combater o stress típico do final de ano

Denise Wichmann/Especial

RS veRão Calor, sensualidade e diversão à beira da piscina em um editorial exclusivo

25

68 | RS SuStentável Quinta da estância celebra 25 anos de amor à natureza e pioneirismo

76 | RS cultuRama Os shows, séries e filmes mais esperados para o próximo ano

80 | RS peRSonalidade nenhum de nós encerra ciclo comemorativo dos 30 anos de carreira

16 | RS Capa 22 | RS Moda 38 | RS Agronegócio 40 | RS Estética

14

ExpansaoRs.com.bR

50 | RS Festuris 52 | RS Hotelaria 60 | RS Talento 64 | RS Esporte

78 | RS Web 86 | RS Poa 90 | RS Governador 92 | RS É Negócio?

100 | RS Drops 112 | RS Shopping 114 | RS Premiação 138 | RS Arte


15


Denise Wichmann/Especial

RS capa

William Ellwanger e Hellen Carolina

Hellen Carolina: a marca de biquíni do Sul do país Coleção de verão traz mais de 80 mil peças para atacado

16

ExpansaoRs.com.bR

Neia Dutra/Especial

P

raia, sol e curtição. Por que não aproveitar uma das melhores épocas do ano com elegância e atenta à moda internacional? A marca gaúcha Hellen Carolina chega em sua segunda coleção de verão trazendo tendências de beachwear, como o decote ombro a ombro e estampas divertidas. A empresa tem cinco anos de existência, mas os biquínis não foram a sua primeira opção para se lançar ao mercado. “A Hellen trabalhava com a minha sogra. Elas faziam polainas e mantas e atendiam Porto Alegre. Eu pegava algumas peças e atendia Gramado. No começo foi bem difícil, as pessoas não conheciam o nosso trabalho”, conta Willian Ellwanger, um dos proprietários. Foi em uma dessas viagens para Gramado que ele obser-

Fachada da loja em São Leopoldo

vou o trabalho de uma loja, resolvendo diversificar a produção. “Foi em Gramado que vi uma loja com casacos de pele. Logo pensei que poderia ser mais um produto a ser trabalhado por nós. Voltei para Novo Hamburgo e procuramos os produtos para confeccionar essas peças também”, explica Ellwanger.


o primEiro contato com cortE E costura Uma máquina antiga de tecelagem, mãos ágeis de uma mãe ávida por sustentar sua família e uma menina impressionada com o trabalho da matriarca. Foi assim que se deu início à marca Hellen Carolina como é conhecida atualmente. A menina tornou-se mulher e, hoje, é proprietária da empresa junto ao marido, e estão lan-

Fotos: Neia Dutra/Especial

Neia Dutra/Especial

EmpEnho com foco no crEscimEnto

Quando Willian e Hellen casaram, em 2015, resolveram que era hora de ter um negócio próprio. Foi na garagem de Willian, sobre uma mesa de ping-pong, que a marca deu seus primeiros passos. “Começamos produzindo coletes com pele sintética e alguns acessórios de inverno. Primeiramente, nós dois assumimos a produção das peças, até que a demanda foi aumentando”, conta Hellen. Com investimento em marketing, a procura cresceu ainda mais e abriu possibilidades para contratações.“Contratávamos os funcionários, porém não tínhamos ainda demanda suficiente para mantê-los conosco durante a temporada de verão. Foi pensando nisso que surgiu o desejo de investir em moda praia”, explica Hellen. Com o lançamento da marca de beach wear, os funcionários passaram a fazer parte em tempo integral na empresa. “Com os biquínis, a demanda foi superior ao que está-

çando a sua segunda coleção de verão, que, neste ano, chega ao mercado atacadista com 80 mil peças de moda praia. “Desde pequena, minha mãe me dizia que, se tivesse uma malharia, se chamaria Hellen Carolina. Então, cresci com o nome em mente”, conta Hellen.

“Tínhamos acertado em cheio na modelagem que o público procurava. Assim, as portas começaram a se abrir e surgiram grandes parcerias, que compõem, hoje, a nossa historia.”

vamos esperando e acostumados”, complementa Hellen. Em 2016, os empresários investiram no marketing digital dentro da empresa, buscando estruturar a fábrica e a loja. Dessa forma, esperavam alcançar o sonho de serem reconhecidos no mercado da moda. “Vimos o potencial gigante de crescimento por meio das mídias e mergulhamos com tudo nela. A partir dali, investimos em catálogo, editoriais, outdoors, lojas físicas e redes sociais”, destaca Willian. Com convicção, ele ressalta que “tínhamos acertado em cheio na modelagem que o público procurava. Assim, as portas começaram a se abrir e surgiram grandes parcerias, que compõem, hoje, a nossa historia”. Hellen ainda destaca que o negócio só chegou onde está porque foi um trabalho de toda a família. “Só tenho a agradecer ao Willian, minha mãe, Marluci Massuda, minha sogra, Andreia Ellwanger, e meu pai, Lucio Castro, que abraçaram junto comigo esse projeto ambicioso.”

17


RS capa

muLhErEs quE buscam EmprEEndEr Como a marca Hellen Carolina é voltada para o ramo atacadista, abre possibilidade de ser mais uma fonte de renda para quem pretende empreender. Confira alguns depoimentos de revendedoras.

“Ao trabalhar com Hellen Carolina, conquistei minha estabilidade financeira e tranquilidade para fazer meus horários. De lá para cá, só coisas boas aconteceram. Antes, eu trabalhava como secretária de médicos e era desgastante. Ao conhecer a marca, me senti segura para sair do comodismo e conquistar meus sonhos.” marcyele de abreu, revendedora há 9 meses

“Conheci a marca num shopping atacado de Farroupilha. Atualmente, trabalho somente com a revenda de moda feminina. Fui me aventurar nos shoppings atacadistas de Farroupilha, São Paulo e Santa Catarina e, em uma dessas idas, entrei em uma loja por conta dos coletes maravilhosos de inverno da Hellen Carolina. Fiquei encantada!” Vitória rathke, revendedora há 10 meses

“O nosso sonho era ter a nossa própria loja, por isso, fomos atrás da marca e passamos a comprar para revender. Nossa primeira opção foi a coleção de inverno, e tivemos um ótimo retorno das nossas clientes. Com a chegada da coleção de verão, as vendas foram um verdadeiro sucesso, o que nos fez pensar que investir nisso seria uma ótima alternativa. Estamos investindo na marca e na abertura de nossa loja física, com previsão de inauguração para esta temporada de veraneio.” natália Ludwig, revendedora há 9 meses

“Conheci a marca andando pelo Shopping 585 de Farroupilha, a vitrine chamou minha atenção. Por mais que eu adore moda praia, seja bióloga, mergulhe e surfe, ainda não havia trabalhado com isso. Então, entrei na loja para consumo próprio e acabei mostrando para os meus clientes. Eles gostaram e por isso, passei a comprar para revender. Outro ponto importante é a localização da loja na Scharlau, pois é de fácil acesso e próximo de onde moro. Se dependesse de ir a Farroupilha, provavelmente venderia menos.” margarete Gomes Gonçalves, revendedora há 4 meses Neia Dutra/Especial

Fotos: Hoemero Schuch/Especial

Atendentes da loja de São Leopoldo: Fernanda Goldani, Gabriele Fagundes, Míriel Moesch, Cheila Silva e Vanessa Hossa

18

ExpansaoRs.com.bR

As revendedoras da marca: Margarete Gomes Gonçalves, Marcyele Jaeger, Natália Ludwig, Jessica Ludwig, Juliana Ludwig e Vitória Muller Rothke


Denise Wichmann/Especial

Bárbara Heck

a quEridinha das it GirLs

Mesmo sem querer, elas ditam tendência na internet, milhares de pessoas acompanham as vidas nas redes sociais e, por isso, elas chamam atenção das marcas de grande expressividade no mercado. Essa é a vida das it girls, jovens que influenciam suas seguidoras. A marca Hellen Carolina promoveu uma ação com algumas das influencers da região.

Vitória Portes Mariana Gobbi

@ba.heck

@vitoriaportes

Fotos: Neia Dutra/Especial

@marianagobbi_

Camila Rech

@rechcamila

Dóris Baumer

@ddbaumer

19


RS capa Neia Dutra/Especial

#hellencarolina #verão2018

Novidades

a tem A Hellen Carolin m a ulheopções ideais par nto em ta res que apostam os quanrid looks mais colo rias, além to cores mais sób cidos e te de variedade em . as p m esta

mann/Especi

Denise Wich al

Acesse: www.hellencarolina.com.br 20

ExpansaoRs.com.b .com.bR

Mais informações:

(51) 983-141-300


21


RS MODA Maria Grazziotin www.mariagrazziotin.com | @mariagrazziotin

“Estamos apostando muito nas estampas. Estamos com mais de 50 estampas, todas super diferentes e com muita tendência.”

Tendências

Moda Praia 2018

O

verão está se aproximando e, com ele, muitas tendências lindas para a gente aproveitar. Na edição desse mês, eu vim falar ssobre obre a moda praia que, cada vez mais, está antenada a tudo que acontece no mundo fashion. A moda praia 2018 está dividida entre a delicadeza dos babados e a sensualidade das amarrações. Quando o assunto é estampa, dá para ficar bem à vontade, a variedade é enorme! A marca Hellen Carolina está ganhando cada vez mais espaço no coração das mulheres de várias regiões do Brasil, afinal, a designer da marca está sempre de olho nas principais tendências do mundo da moda, mas sem deixar de lado a opinião e o gosto das suas clientes. “Estamos apostando muito nas estampas. Estamos com mais de 50 estampas, todas super diferentes e com muita tendência”, conta Hellen Carolina, que ainda completa contando que os florais, flamingos, frutas e étnicos são as estampas mais procuradas. Uma das tendências que vem cha forte é a amarração no top. O cha-

22

EXPANSAORS.COM.BR

Fotos: Denise Wichmann/Especial

mado wrapped top é aquele que tem amarrações tanto no pescoço como abaixo dos seios, um tipo de peça que favorece especialmente quem tem busto farto, pois oferece mais sustentação. A ciganinha é outra aposta, pois, além de transmitir elegância e romantismo, veio direto das passarelas internacionais. O modelo pode ter uma pegada bem forte do estilo cigano, com o ombro a ombro acompanhado por babados, ou então ser mais descolado, ficando justo ao corpo e destacando o busto. Se você está em busca de produtos acessíveis e com excelente qualidade, a minha dica são os produtos da Hellen Carolina. Um dos seus diferenciais é que 90% das estampas são exclusivas da marca, além da modelagem, pois lá vé possível encontrar desde moda infantil até plus size. Leve a sua personalidade também para a praia e arrase com essas dicas!


23


RS VERÃO

Verão. Época de piscina, de calor, de procurar sombra e água fresca. Cores, frutas, pouca roupa e muita diversão. Um editorial incrível estampa as próximas páginas, trazendo aquela summer vibe gostosa, de aproveitar os dias longos e curtir a brisa noturna, aliando a sensualidade típica do verão ao espírito juvenil das roupas de banho. Estampas irreverentes, com abacaxis, florais e palmeiras dão o tom das peças, com cores fortes e vibrantes, e muitos cortes diferenciados!

La dolce vita

QUEM FEZ:

Com o leitor de QR code do seu smartphone ou tablet, assista ao fashion film produzido pela Livepro Filmes

24

EXPANSAORS.COM.BR

Coordenadação editorial: Alexandre Bitello e Gabrielle Pacheco | Coordenação executiva: Ana Maribel Pacheco e Jucelene Silva | Assistência de produção: Mariane Rambo | Beleza: Lisandra Figueiredo e Silvinho Lima (Eternity Studio de Beleza) | Fotografia: Denise Wichmann (Studio Denise Wichmann) Assistência de fotografia: Edinara Patzlaff e Caio Henrique (Nômade Estúdio) | Tratamento de imagem: Lian Parma | Fashion film: Christopher Pe e Jenniffer Luz (Livepro Filmes) | Styling: Ruan Escobar | Modelos: Juliana Homem, Guilherme Patro e Bibiana Bitello | Biquínis, sungas, óculos e saídas de banho: Hellen Carolina | Sapatos: Lojas Radan | Boias: Água e Sol Piscinas Drinks: Drinkers | Espumante: Vinícola Aurora | Carro: Equinox Sinoscar (Dois Irmãos/RS) | Mousse Autobronzeador: Key West Rayz | Acessórios masculinos: Baba de Moça Joias | Transporte: Transportes Sereia | Locação: Ecoland (Igrejinha/RS)


25


RS VERÃO

26

EXPANSAORS.COM.BR


27


RS Verão

28

ExpansaoRs.com.bR


29


RS VERÃO

30

EXPANSAORS.COM.BR


31


RS Verão

32

ExpansaoRs.com.bR


33


RS VERÃO

34

EXPANSAORS.COM.BR


35


RS ESTÉTICA

Beleza com compromisso e foco na autoestima Eternity Studio de Beleza completa cinco anos de excelência profissional Neia Dutra/Divulgação

À

s vezes, precisamos mudar o visual. Queremos algo que expresse a nossa personalidade e mostre para o mundo a que viemos. Para tornar isso possível, são necessários profissionais aos quais possamos confiar. A Eternity Studio de Beleza, com sede em Novo Hamburgo, está neste ramo há cinco anos, trabalhando, justamente, com compromisso e foco na autoestima de seus clientes.

36

EXPANSAORS.COM.BR

A equipe do salão de beleza é formada por 20 pessoas, que estão sempre procurando melhorar as suas técnicas de embelezamento, participando de eventos e cursos com profissionais de reconhecimento internacional, como Romeu Felipe, expert em mechas criativas. Aliás, o espaço também conta com o Studio Vida Pilates, sob o comando de Bruna Ruhmann. A proprietária da Eternity Studio de Beleza, Liliane Jacoby de Mo-

raes, está nesse ramo há 22 anos. “O estúdio surgiu da necessidade de ter um lugar diferenciado e aconchegante, dedicado a beleza, bem-estar e a satisfação de nossos clientes. Cada vez mais, busco com a equipe a qualidade do atendimento para que nossas clientes saiam daqui mais felizes consigo mesmas”, conta Liliane.


37


RS RS Agronegócio Verão

Aplicativo auxilia a manejar áreas de pastagens TexTo: Mayara Morales

| FoToS: Divulgação

Agora produtores rurais contam com aplicativo para gerenciar plantas forrageiras

E

m novembro, a Embrapa apresentou o software no SemiáridoShow, em Petrolina (PE). O aplicativo foi desenvolvido para smartphones e ajuda a calcular o orçamento para forrageiras. Assim, o produtor e o técnico podem administrar as reservas de alimentos nas propriedades. Aliás, o objetivo da orçamentação forrageira é garantir equilíbrio entre produção e demanda de forragem. Dessa forma, possibilita a realização do planejamento alimentar da propriedade e contribuir para aumentar a eficiência

38

ExpansaoRs.com.bR

de uso do pasto, a produtividade e o desempenho animal. Esse tipo de orçamentação já não é novidade entre os produtores, pois eles já utilizam essa técnica por meio de uma planilha manual disponibilizada e desenvolvida pela Embrapa. Mas, segundo a zootecnista Ana Clara Cavalcante, pesquisadora da área de Forragicultura e Pastagens da Embrapa Caprinos e Ovinos (CE), afirma que era uma necessidade do setor produtivo uma ferramenta para agilizar os cálculos para a orçamentação.


A contAbilidAde de formA ágil

“O aplicativo foi uma demanda dos usuários da tabela por um modo mais fácil de fazer a contabilidade. Com ele, basta informar dados de tamanho de propriedade, tipos de fonte de forragem e o tamanho do rebanho em que automaticamente a orçamentação é realizada”, destaca Ana Clara. Para a zootecnista, o aplicativo traz, como principais vantagens, a praticidade e velocidade no processamento dos dados, e com menor chance de erros nas contas para se chegar ao chamado saldo de forragem. Esse indicador, saldo de forragem, revela, com precisão, a disponibilidade de alimento nas propriedades.

“O aplicativo foi uma demanda dos usuários da tabela por um modo mais fácil de fazer a contabilidade.”

O aplicativo da orçamentação forrageira faz parte das ações do projeto Forrageiras para o Semiárido, parceria da Embrapa com a Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária (CNA). O desenvolvimento da ferramenta está sob responsabilidade da equipe de Tecnologia da Informação (TI) da Embrapa Gado de Corte (MS). Segundo Camilo Carromeu, analista de TI que coordena a equipe, o aplicativo trará funcionalidades como a capacidade de simular diversas condições referentes à realidade dos rebanhos e da alimentação fornecida.

App Orçamentação Forrageira Disponível para sistema Android Download gratuito na Google Play Desenvolvido pela Embrapa

39


RS TURISMO

TEXTO Mayara Morales | FOTOS: Divulgação

Hora de arrumar as malas e conhecer o país-sede do Mundial!

40

EXPANSAORS.COM.BR

Rumo à Copa do Mundo na Rússia

A

Rússia roubou a cena em 2010 e se tornou país-sede após vencer as candidaturas conjuntas de Espanha/ Portugal e Holanda/Bélgica. Isso mesmo, oito anos antes, o país com maior extensão territorial do planeta já sabia que seria sede de um dos maiores eventos esportivos do mundo, a Copa do Mundo da Fifa. E o que se sabe desse país? Segundo dados de 2016 do Banco Mundial, o país tem 144,3 milhões de habitantes, e, como moeda oficial, o rublo russo. O país faz parte do agrupamento de países com economias emergentes, o BRICS, do qual Brasil, Índia, China e África do Sul também fazem parte.


AS cidAdeS-Sede

O Comitê Organizador Local (COL) e a Fifa escolheram as cidades por importância histórica, tamanho e experiência com grandes eventos, como Sochi, que sediou as Olimpíadas de Inverno de 2014. Assim, chegou a hora dos apaixonados por futebol arrumarem as malas e explorarem as 11 cidades-sede da Copa e os 12 estádios. A expansão rS, em parceria com a CVC Vale dos Sinos, traz curiosidades sobre o país-sede da Copa do Mundo Fifa 2018.

São PeterSburgo

A cidade recebe, na Arena Zenit, sete jogos, entre eles uma semifinal e sua capacidade é de 68.134 mil pessoas. Tão importante historicamente quanto Moscou, São Petersburgo é ex-capital do Império Russo e foi lar de czares e czarinas. É a segunda maior cidade do país e teve papel crucial na 2ª Guerra Mundial, pois foi lá que o exército alemão foi derrotado pelo exército vermelho. É considerada um dos principais centros culturais da Europa e entre seus maiores pontos turísticos está Hermitage, o maior museu do mundo. Um dos principais prédios do museu, o Palácio de Inverno foi um marco da Revolução Russa (1917), quando serviu de quartelgeneral dos bolcheviques.

Jogos do Brasil

VejA quem São oS AdVerSárioS do brASil e onde A Seleção irá jogAr

Brasil vs suíça Brasil vs Costa riCa Brasil vs sérvia

17 de junho, às 15h (horário de Brasília) 22 de junho, às 9h (horário de Brasília) 27 de junho, às 15h (horário de Brasília)

Rostov Arena Zenit Arena Spartak Stadium

41


RS turismo

moScou

A Capital russa tem dois estádios: Luzhniki e Spartak. O primeiro foi construído em 1950, palco da cerimônia de abertura das Olimpíadas de 1980. O Luzhniki tem capacidade para 81.006 mil pessoas e é o maior da Copa, e, além disso, recebe a abertura do Mundial, uma semifinal, uma oitava de final e mais três jogos da fase de grupos. Já o segundo estádio da Capital do país, que leva o nome do time russo Spartak, foi inaugurado em 2014. No mundial, recebe quatro partidas da fase de grupos e uma das oitavas de final, com capacidade para 43.298 pessoas.

KAzAn

Em questão de turismo, Moscou impressiona qualquer visitante. A cidade é marcada por revoluções, impérios e poder soviético. A prova disso são os kremlins, complexos fortificado encontrado nas cidades russas históricas. O mais famoso é o da capital, composto por um triângulo murado com 750 m de extensão em cada um dos lados, de onde partem todas as ruas de Moscou. A capital tem, ainda, a famosa Praça Vermelha, palco de desfiles militares em tempos de União Soviética. Há ainda a sede de uma das mais antigas companhias de dança do mundo, o Ballet Bolshoi.

Capital da República do Tartaristão, Kazan é a cidade com maior concentração de muçulmanos na Rússia. Assim como diversas regiões do país, a cidade tem o seu kremlin como uma das principais atrações turísticas. O complexo é datado da época do reinado de Ivan, o Terrível, durante o século XVI. Além disso, conta com a Catedral da Anunciação e a Mesquita Kul Sharif. A cidade tem o Kazan Arena, cuja capacidade é de 44.779 mil torcedores, e recebe seis partidas do Mundial. Na entrada da Arena, o que chama atenção é um telão imponente, que irá mostrar agenda do dia, bandeiras das seleções que jogam no local e locais turísticos da cidade.

42

ExpansaoRs.com.bR


RS turismo caliningrado

A cidade-sede faz fronteira com a Lituânia, é considerada Patrimônio Mundial da Unesco, está localizada entre o Mar Báltico e o Lago da Curlândia e destaca-se pela preservação ambiental. Na 2ª Guerra Mundial, foi destruída pelos bombardeios britânicos e invadida em 1945 pelo Exército Vermelho. O estádio de Caliningrado foi construído especificamente para o Mundial, com capacidade de 35.212 mil pessoas e recebe quatro jogos da fase de grupos.

Sochi

O Fisht Stadium comporta 47.700 mil pessoas e foi construído dentro do complexo para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014. Sochi é uma cidade litorânea ao Sul da Rússia e, como o Mundial ocorre no verão, os turistas irão conseguir aproveitar as opções de praia oferecidas pela cidade. Entre o Mar Negro e a Cordilheira do Cáucaso, foi escolhida pela Seleção Brasileira como suas alternativas de sede.

Volgograd arena

Localizado na cidade-sede de Volgogrado, a Volgograd Arena terá capacidade de 45.568 mil pessoas, sendo construída ao lado do antigo estádio da localidade. A cidade de Volgogrado, antes chamada de Stalingrado, viveu momentos trágicos na história da União Soviética. Um dos pontos turísticos é a Mãe Pátria, estátua de 85m que ergue-se em uma colina de 102 metros. A região foi palco de conflitos durante quatro meses e, hoje, há um memorial a todos os mortos na batalha.

nizhny noVgorod

O estádio Nizhny Novgorod, que leva o nome da cidade, também foi planejado especificamente para a Copa de 2018. Terá capacidade para 44.899 mil pessoas. Seis partidas serão realizadas no estádio, sendo quatro da fase de grupos, uma oitava de final e um duelo de quartas de final.

44

ExpansaoRs.com.bR


Sinodal e International University Alliance anunciam acordo operacional.

Sinal de que seu CEP vai mudar.

São Leopoldo - Portão - Em breve Prado Gravataí


RS turismo MordoVia arena

A Mordovia Arena, localizado na cidade-sede de Saransk, capital da República da Mordóvia, teve suas obras iniciadas em 2010, tem estruturas fixas e outras temporárias. Sua capacidade é de 44.442 mil torcedores e recebe quatro partidas da fase de grupos da Copa 2018. Após o encerramento do evento, as estruturas temporárias serão desmontadas e a capacidade do estádio passa a ser de 25 mil pessoas.

roStoV arena

Localizado em uma região turística da cidade de Rostov-on-don, a maior cidade ao Sul da Rússia e próximo ao rio Don, a Arena terá capacidade de 45.145 mil torcedores. Além disso, é a cidadesede em que o Brasil estreia, 17 de junho, contra a Suíça na Copa. Depois do Mundial, a Arena será a nova casa do time Rostov. Na Copa do Mundo, o estádio recebe quatro jogos da fase de grupo e mais um das oitavas de final.

SaMara arena

O estádio é homônimo da cidade de Samara, no qual está localizado, fica a 17h de Moscou e promete chamar atenção dos torcedores, pois faz alusão ao cosmos, homenageando esse setor de tradição e destaque no país. A Arena é mais uma obra planejada especialmente para a Copa de 2018. Foi construída próxima a uma zona residencial e teve suas obras iniciadas em 2014. Com capacidade para 44.807 mil pessoas, recebe quatro jogos da fase de grupos, um das oitavas de final e mais um das quartas.

ekaterinburg arena

Construído na cidade-sede de Iecaterimburgo, localizada na parte oriental dos Montes Urais, principal centro industrial e cultural do Distrito Federal dos Urais, a Ekaterinburg Arena recebeu uma reforma para a Copa do Mundo de 2018. O estádio recebeu estruturas externas de arquibancadas, chegando a 35 mil torcedores, para atingir a capacidade mínima exigida pela Fifa. A Arena recebe quatro jogos da fase de grupos.

46

ExpansaoRs.com.bR


ERA SÓ O QUE FALTAVA ²UBOUBJOTQJSBÎÍPRVFDSJBNPTVNB $MVUDI#BHRVFWBMFQPSUSÐT "HPSBOÍPGBMUBNBJT

1PSUB#BUPN F$BSUÜFT

$MVUDI 3FWFSTÓWFM

47


48

EXPANSAORS.COM.BR


49


RS FESTURIS

TEXTO Maria Grazziotin | FOTOS: Neia Dutra/Especial

Turismo

em alta

Com público recorde, a 29ª edição do Festuris - Feira Internacional de Turismo atraiu público diversificado

O

s 22 mil metros quadrados do Serra Park, em Gramado, sediaram estandes que apresentaram as diversidades de seus estados e países. Os estados brasileiros tiveram participação total no evento. Em sua 29ª edição, os visitantes do Festuris puderam conferir o Espaço LGBT, destinado aos locais mais procurados por esse público. Além disso, o Espaço Luxury foi triplicado, o que comprova que os destinos luxuosos e sofisticados estão na contramão da crise econômica do País. Essa edição do evento também contou com os espaços Festuris Gastronomia, Cultural e Religioso, Inovação e Tecnologia, Mice Corporativo, Business, Sustentabilidade e Turismo Verde e Salas de Capacitações (programação de oficinas, workshops e palestras de forma ininterrupta). A alta de 10% em relação ao ano passado foi registrada na área ocupada pelos estandes no Serra Park. A geração de ne-

50

EXPANSAORS.COM.BR

gócios durante a feira também aumentou na comparação da edição de 2016: de R$ 253 milhões no ano passado à R$ 280 milhões em 2017. Os cofres de Gramado e Canela foram impactados, este ano, com cerca de R$ 18 milhões por conta do evento contra R$ 14 milhões da última edição. Foram 2000 marcas expostas e 400 estandes, para o público de mais de 10 mil profissionais vindos de todos os continentes. De acordo com Eduardo Zorzanello, diretor do Festuris, essa edição foi muito positiva.“Todo o sentimento e feedback que recebemos foi muito positivo, tanto do público participante quanto dos expositores. É um retorno que demonstra que o setor do turismo voltou a crescer, afastando de vez a crise. A gente sempre apostou muito no profissionalismo do atendimento e serviço. Isso faz com que todos que participaram do evento se sintam em casa. Acredito que a hospitalidade é a grande singularidade do nosso evento”, completa Eduardo.


Eduardo Zorzanello

“A gente sempre apostou muito no profissionalismo do atendimento e serviço. Isso faz com que todos que participaram do evento se sintam em casa.” A CIDADE TURÍSTICA DE GRAMADO

O Festuris foi sediado em uma das cidades mais procuradas por turistas no Brasil. Gramado é um local com características europeias, dotado de completa infraestrutura hoteleira e gastronômica, além de ser frequentada por milhares de turistas daqui e de outros países. Localizada na Região das Hortênsias, seu nome está relacionado ao passado, quando a cidade servia de passagem para tropeiros que tocavam o gado pelos campos de cima da Serra, no fim do século XIX. A grama macia e verde

servia de repouso e revigorava suas energias. A cidade também é reconhecida como uma das mais hospitaleiras e receptivas. Atualmente, Gramado recebe milhares de turistas todos os anos. Além do Festuris, Gramado sedia outros eventos importantes e reconhecidos em todo o Brasil, como o Natal Luz. São mais de 50 espetáculos, alguns dos quais inéditos e de nível internacional. A comunidade também faz parte das festividades da cidade. Suas participações acontecem nos desfiles de Natal na Avenida Borges de Medeiros e também nos enfeites da cidade, vitrines e casas.

51


RS HOTELARIA FOTOS: Neia Dutra/Especial

Grande Hotel

apresenta espaço variado para festas e eventos Empreendimento está localizado em um dos principais destinos turísticos do Brasil

Divulgação

O

Grande Hotel Canela possui empreendimento único no turismo brasileiro, já que ainda é administrado pela mesma família de seu fundador. Um fato inédito na hotelaria no Brasil, segundo pesquisa da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio Grande do Sul (ABIH). Por seu requinte e com 85 mil metros qua-

52

EXPANSAORS.COM.BR

drados, o estabelecimento está na memória de muitas famílias que já passaram pela região da Serra Gaúcha. O Grande Hotel tem 34 chalés com privacidade e independência e 92 apartamentos, oferecendo um total de 276 leitos. Em seu espaço para festas e eventos, a capacidade total é de 680 pessoas em suas cinco salas.


O Instituto Ivoti oferece

TUDO.

Agora só falta você.

Enriquecimento cultural nas áreas de teatro, esportes, idiomas, música, dança, práticas comunitárias e robótica. Possibilidade de moradia para alunos da Educação Básica a partir do 8º Ano e para acadêmicos do Ensino Superior.

Confira tudo que temos preparado para seu crescimento em

www.institutoivoti.com.br

MATRÍ CULAS

Educação Básica - Ensino Superior - Moradia Escolar - Bilíngue Alemão Rua Pastor Ernesto Schlieper, 200 - Ivoti / RS

(51) 3563.8600

ABERTAS

Nos acompanhe nas redes sociais

instituto ivoti

53


RS HOTELARIA GRANDE HOTEL E SEU ESPAÇO DE LAZER

A área de lazer conta com quadra de tênis e futebol, piscina térmica coberta, hidromassagem, sauna, sala de ginástica, trilha ecológica para caminhadas, cafeteria, bar, piano, churrasqueiras coberta e ao ar livre, cancha de bocha, espaço gourmet, sala de reuniões e sala de vídeo. O prédio histórico de 1926 continua preservado até hoje, imponente no centro do parque. A velha cozinha foi transformada em um grill, onde os hóspedes podem preparar seu próprio churrasco e organizar eventos gastronômicos. Cultivando desde 1916 o espírito hospitaleiro e a arte de bem receber, com foco na sustentabilidade ambiental, o Grande Hotel oferece toda a experiência adquirida com a realização de centenas de eventos corporativos e sociais, aliada a um constante aperfeiçoamento na área hoteleira, primando pelo conforto e a total satisfação dos clientes.

SEU CASAMENTO EM CANELA

Serviço: www.grandehotel.com.br

(54) 3282-1285 reservas@grandehotel.com.br Rua Getúlio Vargas, 300 Centro - Canela/RS

Canela é um dos principais destinos turísticos do Brasil, oferecendo aos visitantes 28 atrativos naturais e temáticos, 6 mil leitos e movimentando mais de 3 milhões de visitantes ao ano, gerando uma economia que sustenta milhares de famílias que trabalham no setor direta ou indiretamente. O Grande Hotel é um dos destaques, recebendo grandes festas de casamento da Região das Hortênsias.

54

EXPANSAORS.COM.BR


daiane.com.br | @daianestore Cachoeirinha | Canoas | Dois Irmãos | Esteio | Novo Hamburgo Portão | Porto Alegre | São Leopoldo | Sapucaia do Sul | Tabaí

55


RS terapias alternativas TexTO: Caren Souza | FOTOS: Divulgação

Final de ano sem stress Terapias diferenciadas podem ser a chave para diminuir os níveis de tensão comuns nos últimos dias do ano

56

ExpansaoRs.com.bR


T

odos parecem ficar mais acelerados com as inúmeras atividades que ocorrem neste período – desde as confraternizações de empresas, apresentação dos filhos na escola ou mesmo a pressão para adiantar aqueles trabalhos que devem estar prontos antes do recesso de Natal. Todo esse estresse pode resultar em uma série de problemas de saúde, que vão desde uma dor de cabeça até casos mais graves, como ansiedade. Que tal conhecer algumas terapias alternativas para acalmar a mente e começar um 2018 mais leve? Confira algumas dicas!

Watsu Ideal para quem gosta de ficar em contato com a água. Trata-se de uma técnica de relaxamento realizada dentro de uma piscina aquecida, na mesma temperatura do corpo humano. Durante a sessão, a pessoa se mantém flutuando, enquanto um fisioterapeuta lhe auxilia a alongar seus músculos e liberar regiões enrijecidas.

Musicoterapia É difícil encontrar alguém que não goste de música. Imagine, então, utilizar esse recurso para equilibrar as emoções. A musicoterapia é uma técnica utilizada com essa finalidade, e pode fazer até mesmo com que a pessoa passe a se comunicar melhor. Estudos científicos comprovam que o som influencia nosso corpo e nosso estado psicológico. Para isso, alguns instrumentos bem específicos são utilizados, além de mantras e sons da natureza.

57


RS TERAPIAS ALTERNATIVAS

AROMATERAPIA O tratamento tem foco nos óleos extraídos de plantas e no poder que seu aroma exerce sobre o corpo humano e as emoções. Eles podem ser utilizados de várias formas, como aplicações diretas na pele ou mesmo inalações. Para ter ideia de como funciona, em processos infecciosos é utilizada a inalação do óleo essencial de limão. Seu aroma chega ao sistema nervoso, ativando as células de defesa, que agem diretamente no local afetado.

ACUPUNTURA Essa técnica milenar da medicina chinesa até hoje encontra muitos adeptos. Por meio de agulhas colocadas em pontos específicos espalhados pelo corpo, é possível eliminar problemas como cólica, fibromialgia, enxaqueca e até mesmo perder algumas quilos. Algumas pessoas não ficam à vontade frente às agulhas, mas especialistas garantem que não dói.

GEOTERAPIA Trata-se de uma técnica muito antiga que utiliza diversos elementos – como argila, barro, pedras e cristais – para melhorar a saúde. A argila, por exemplo, é aplicada em locais onde há acúmulo de umidade (seja por sentimentos reprimidos ou por má alimentação) para retirá-la. Em alguns casos, pode ajudar a reduzir o inchaço do corpo.

58

EXPANSAORS.COM.BR

SHIATSU Se você quer corrigir disfunções internas ou mesmo tratar doenças específicas, o shiatsu pode ser o mais indicado. É um tipo de massagem realizada, principalmente, com os polegares, em que o profissional faz pressão nos canais de energia do corpo. É muito útil, também, no reequilíbrio emocional.


feevale

59


RS TALENTO

TEXTO Caren Souza | FOTOS: Divulgação

Pronta para a telinha Conheça um pouco da trajetória da hamburguense Betina Schmidt e seus planos para o futuro

E

la começou sua carreira como atleta, foi jogadora de vôlei por alguns anos, disputou campeonatos importantes – conquistando diversas medalhas –, mas hoje se destaca, também, por sua beleza e seu carisma na telinha. Após atuar como modelo e passar uma temporada fora do país, Betina Schmidt – uma das filhas ilustres de Novo Hamburgo – estreou este ano no reality show Exathlon, da Rede Bandeirantes, totalmente voltado ao esporte. Após ser eliminada, ela pretende seguir carreira na TV. Confira!

REALITY SHOW

Betina acredita que sua participação no Exathlon abriu grandes portas na sua vida profissional. “Tenho como objetivo trabalhar na televisão. Já tenho alguma experiência, mas estar lá foi uma oportunidade de expor como é a Betina dentro no reality show, e isso vem sendo muito bom”, comemora.

60

EXPANSAORS.COM.BR

FUTURO

Quando se fala em planos para a vida profissional, não resta dúvida: o que ela quer é trabalhar na TV. “Já fui jogadora, sou modelo e me apaixonei pela TV. Está sendo tudo muito rápido, mas muito bacana”, vibra. “Dizem que o mosquitinho da TV, quando pega, não tem mais jeito”, completa. Ela pretende estar, em breve, em alguma atividade ligada à telinha.

ESPORTE

O encerramento da sua carreira como jogadora não tirou o esporte de sua vida. “Eu pratico esportes desde criança, e meu corpo se acostumou de tal forma que não posso parar. Não conseguiria manter meu físico sem o esporte”, revela. Hoje ela é viciada em kickboxing, mas pratica diversas atividades. Para ter uma ideia, ela percorre, na areia ou no asfalto, um trecho de cinco a seis quilômetros. Como a endorfina já faz parte de sua vida, não tem como parar. “Nesse ponto, o fato de morar no Rio de Janeiro me ajuda muito”, pontua. Outros esportes também estão na sua rotina, como stand up paddle, wake surf ou mesmo umas belas braçadas no mar.


“Eu pratico esportes desde criança, e meu corpo se acostumou de tal forma que não posso parar.” 61


RS TALENTO

VIDA NO EXTERIOR

A bela viveu durante cinco anos nos Estados Unidos. Essa experiência lhe rendeu fluência em inglês e também em espanhol, devido à sua estada em Miami. “Cheguei lá com apenas 20 anos, então precisei aprender a me virar sozinha. Isso ajudou a construir a Betina que sou hoje, como pessoa e também como profissional.”

ATLETA X MODELO

“Do jeito que as coisas estão mudando rápido no mundo, temos que ser versáteis.”

Betina dá a dica para quem quer se dar bem no futuro. “Eu nunca tive medo de testar. Sempre fui atrás do meu sonho. Nunca pensei em dinheiro, mas no que queria fazer”, conta. Para ela, seguir o coração pode ser a chave do sucesso. “Essa geração atual não tem obrigação de estar em uma só profissão. Do jeito que as coisas estão mudando rápido no mundo, temos que ser versáteis”, ensina. Prestes a completar 29 anos, ela acredita que a versatilidade ajuda muito.

SAUDADE DAS QUADRAS?

“Não sinto nenhuma saudade de estar jogando voleibol, competindo nas quadras”, garante. Ainda que seu pai esteja ligado ao esporte – ela é filha do ex-técnico de vôlei Jorge Schmidt –, Betina é muito bem resolvida em relação a isso. “Eu aproveitei tudo o que o esporte podia me dar. Porém, quando não estava mais feliz, mudei”, relata. Ela teve a oportunidade de realizar seu maior sonho, que era participar de uma Olimpíada. No entanto, foi como repórter. “Eu não preciso estar jogando. Fiquei realizada em atuar como repórter no Maracanazinho”, vibra.

62

EXPANSAORS.COM.BR


“O lugar que mais gosto em Novo Hamburgo é a minha casa.”

raízeS

Ela vem com frequência a Novo Hamburgo, com um intervalo máximo de dois meses. Mas, para ela, o que vale mesmo é o aconchego do lar. “O lugar que mais gosto em Novo Hamburgo é a minha casa, onde eu gosto de ficar de pijama, sendo mimada pela minha mãe, tomando um vinho com meu pai, comendo cuca ou tomando chimarrão.” Outro motivo das visitas frequentes é o sobrinho. “Ele ainda é pequeno, e está crescendo e se transformando muito

momentos de recordação: Betina com a família (à esq.) e com a avó, clery Körbes (à dir.)

rápido. Eu tento acompanhar essas mudanças”, diz. Sua casa também é o local onde ela recebe seus amigos e aproveita para matar a saudade. “Também tenho uma paixão especial pela Sociedade Ginástica, clube onde eu cresci, mas meu lugar preferido ainda é a minha casa”, recorda.

63


RS ESPORTE

As vitórias de

Tomás Behrend

reunidas em biografia Jogador de Novo Hamburgo é um dos cinco melhores tenistas gaúchos da história e encarou nomes como Roger Federer e Rafael Nadal

O

sorteio da chave principal do torneio de Gstaad, na Suíça, em 2004, reservou uma surpresa para o tenista gaúcho Tomás Behrend. Ele caiu na primeira rodada diante do favorito ao título, o suíço Roger Federer – eles acabaram duelando dois dias após o bicampeonato de Federer em Wimbledon. Como foram os bastidores do duelo? Quais foram as reações do hamburguense enfrentando o mais vitorioso tenista de todos os tempos? A história deste confronto e de tantos outros episódios da carreira do hamburguense estão no livro Tomás Behrend – Jamais desista de seus sonhos. Ele veio da Alemanha para uma série de lançamentos em Novo Hamburgo, Porto Alegre e Gramado, nos meses de outubro, novembro e dezembro. A obra reúne mais de 35 episódios da trajetória do atleta criado nas quadras de saibro da Sociedade Aliança, e que alcançou resultados

64

EXPANSAORS.COM.BR

expressivos, como o 74º lugar no ranking mundial de simples e o 43º posto do ranking mundial de duplas – o segundo melhor gaúcho da história nesta classificação das duplas. “Esse livro busca também mostrar aos mais jovens como é difícil essa cami-

nhada. Muitos olham os tenistas na TV e avaliam que foi tudo tranquilo. É uma vida de sacrifícios. É preciso acreditar no sonho de ser profissional”, destaca Tomás.


MAIS DO QUE TROFÉUS, UMA FILOSOFIA DE VIDA

O livro é assinado pelo irmão do tenista, o jornalista Martin Behrend, autor de outros três livros. A obra começa revisitando a história do tênis em Novo Hamburgo, que é um dos esportes que mais trouxe títulos e revelou atletas profissionais na história do município. Ao longo dos capítulos, é recontada a caminhada do jogador, desde a influência dos seus avós e pais pelo esporte, os primeiros passos no clube, a evolução técnica, a mudança para a Alemanha e a consolidação da carreira. “O Tomás nunca foi um juvenil de destaque. Ele demorou para aparecer. Isso faz do sucesso dele ainda mais inesperado”, salienta Martin. O primeiro título estadual veio apenas quando ele tinha 16 anos. “Tem tenistas que, com essa idade, têm um quarto só para os troféus. Já o meu irmão não se importou em demorar tanto pra vencer, pois era apaixonado pelo esporte e treinava cada dia mais. Um exemplo de determinação”, completa o jornalista.

CARREIRA NA ALEMANHA

Tomás Behrend morou até os 20 anos em Novo Hamburgo e sempre defendeu a Sociedade Aliança. Por ser netos de alemães, obteve a dupla nacionalidade e foi construir sua carreira na Alemanha, onde recebeu mais apoio e oportunidades. Ao longo da caminhada, ele encarou Roger Federer e Rafael Nadal. Derrotou Carlos Moyá, Marcelo Ríos e Juan Carlos Ferrero, entre outros grandes nomes. Disputou a Copa Davis pela Alemanha. Jogou o Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open. Saiu das quadras do clube para ser um dos cinco melhores tenistas gaúchos da história. “Fico muito orgulhoso por tudo que conquistei. Espero que sirva de incentivo para novos jogadores”, conta Tomás.

“Jamais desista de seus sonhos”.

Tomás Behrend e Roger Federer durante sorteio no ATP de Gstaad, na Suíça

O DEPOIMENTO DE QUEM ENTENDE

O livro tem o prefácio assinado por Paulo Taicher, ex-tenista profissional, também de Novo Hamburgo, que conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 1999 e Winnipeg, no Canadá. A obra também traz depoimentos significativos, como de Larri Passos (ex-técnico de Gustavo Kuerten), dos ex-tenistas Fernando Meligeni, Ivan Kley, Fernando Roese e Patrick Kühnen (Alemanha), dos tenistas André Ghem e André Sá, do jornalista José Eduardo De Zotti e da colunista de tênis Ana Maria Kich. O livro tem o patrocínio cultural de Himaco e Chocolate Lugano. O apoio cultural é da Sociedade Aliança, Federação Gaúcha de Tênis (FGT) e Smash Esportes.

Comemorando o título em Santiago do Chile, 2005

65


RS artigo Carollyne Spindler -

Marketing e Publicidade

Diretora da DuoCom Marketing Integrado

Inspire-se em você

E

m tempos de hiperconectividade, A inspiração para a mudança não está lá observar a si mesmo tem sido tarefa fora. Não está naquela atriz de corpo perfeito cada vez menos presente em nossa com filhos lindos e duas babás que você vê no rotina. Bombardeados por notícias, Instagram. Não está naquele executivo bem pelo WhatsApp e pelas redes sociais, estasucedido que aparece na capa da revista, nem mos sempre concentrados no mundo exterior, no amigo sábio e seguro de si que costuma nos acontecimentos que nos cercam, na vida dar ótimos conselhos. A verdadeira inspiração alheia. Falta tempo e também vontade para vem de dentro, vem do amor-próprio, da vonanalisar nossas próprias atitudes. Refletir sotade de ser melhor e de criar seres humanos bre o que nos faz felizes de verdade, sobre melhores, que resgatem os verdadeiros valonossas escolhas diárias e sobre o reflexo deres de uma vida feliz e plena. Permita-se colas no dia de amanhã exige uma dose cavalar nhecer a você mesmo, sem receio de enfrende autocrítica e outra de coragem. Questiotar seus medos ou fraquezas. Somente a partir namentos sempre trazem consigo o risco da do reconhecimento deles é que passamos a resposta indesejada, direcioapreciar nossas habilidades e nando holofotes aos cantos a valorizar verdadeiramente escuros da nossa vida e da nossas conquistas. “A inspiração nossa personalidade. Entender e enfrentar os para a mudança Quando foi a última vez dilemas deste mundo modernão está lá fora.” que você viu uma criança no é desafiador. Desafie-se a sentada (em paz) com os pais interagir de verdade com as na mesa de um restaurante, pessoas, a viver intensamente sem um smartphone ou iPad na mão? A camomentos sem nenhuma audiência. Desafiepacidade de controlar a ansiedade não é mais se a educar de verdade, não somente distrair ensinada aos filhos, pois nós mesmos nos torpara evitar conflitos. Desafie-se a gostar de namos incapazes de lidar com o imediatismo quem você enxerga no espelho, e não apedos dias de hoje. Compramos com um clique, nas nas fotos que publica nas redes sociais. curtimos com um clique, deletamos com um Aquilo que compartilhamos, é para os outros. clique, mas não é possível educar filhos ou O que sentimos é para nos mesmos. Reflita evitar que chorem desta maneira. Tampouco sobre quem você é, quem você gostaria de é possível, com apenas um clique, reeducar ser, e o que precisa fazer para chegar lá. A vera si mesmo. É preciso investir uma grande dadeira inspiração vem de dentro, da crença quantidade de tempo e energia para não sude que somos capazes e competentes o suficumbir ao vício do imediatismo, à doença da ciente para sermos donos do nosso próprio ansiedade ou às distrações do consumismo. destino. O resto é irrelevante.

66

ExpansaoRs.com.bR


RS BronzeaMento

RS Verão

PublieditoRial

KEY WEST RAYZ: A REVOLUÇÃO DO AUTOBRONZEAMENTO Marca traz ao mercado brasileiro produto único para tonalizar a pele

Q

uem não gosta de ficar com aquela corzinha do verão? Com a chegada da estação mais quente do ano, a busca pelo tom perfeito aumenta ainda mais, porém, junto com essa exposição prolongada ao sol, vêm os malefícios provocados pela radiação do sol. Além disso, adquirir o bronzeado leva tempo, e poucos têm tempo de sobra hoje em dia, não é mesmo? Pensando nisso, a Key West Rayz, líder em bronzeamento, traz uma revolução ao Brasil: o Mousse Autobronzeador, um produto único e exclusivo da marca, que proporciona um bronzeado uniforme e duradouro. Ele permite que a pele adquira um tom dourado sem precisar expor-se ao sol, evitando manchas e problemas mais graves causados pela radiação UV. Tratar a pele também é uma das premissas do mousse, pois ele é enriquecido com 15 óleos e essências naturais, extratos vegetais nutritivos para a pele, além de fragrância agradável, baseada nos conceitos de aromaterapia. Por sua consistência de

/keywestrayzbronze

@keywestrayz

Rua Bento Gonçalves, 2256, sala 301, bairro Centro, Novo Hamburgo (RS) (51) 3067-9001 | kwr@kwr.com.br | www.kwr.com.br

mousse, ele é leve e pode ser facilmente aplicado, não manchando tecidos – inclusive lençóis e roupas brancas – nem a pele, pois seca em cinco minutos. Quem já teve experiências anteriores, mas não gostou do resultado, pode encontrar no Mousse Autobronzeador Key West Rayz a sua solução! Ele não mancha nem deixa a pele com aquele indesejado tom alaranjado ou amarelado, além de ficar homogêneo e natural. É ideal para quem deseja ter um bronzeado perfeito e saudável, sem precisar se expor ao sol, além de ajudar a disfarçar imperfeições da pele como vasinhos, celulite, manchas e estrias, podendo ser utilizado inclusive por pessoas que possuem vitiligo e psoríase.

Mousse Autobronzeador Key West Rayz, a solução perfeita para o seu bronzeado.

DICAS DE USO:

A esfoliação é fundamental, pois deixa a pele livre de resíduos que possam dificultar a ação do autobronzeador, podendo ser feita com o Esfoliante Key West Rayz ou uma bucha vegetal, combinada a um sabonete neutro, durante o banho; Aplicar o KWR Mousse Autobronzeador após a esfoliação da pele, que deve estar devidamente seca. Pode ser aplicado em todo o corpo, inclusive nas mãos e rosto; Utilizar uma luva descartável ao aplicar o produto é importante, pois evita bronzear a palma da mão; Manter a pele sempre bem hidratada, de preferência com o Hidratante Key West Rayz, é imprescindível, pois ajuda a aumentar a durabilidade do bronzeado.

67


RS SUSTENTÁVEL TEXTO Caren Souza | FOTOS: Pepe Guimarães e arquivo

Quinta da

Estância Um marco da sustentabilidade no RS

A

tualmente, muito se fala em modelos de negócios baseados em sustentabilidade. Mas muito antes desse assunto entrar em pauta, a Quinta da Estância já trilhava sua história. Hoje, a empresa é pioneira no estado. Aberto desde 1992, é o paraíso dos amantes da natureza. Seus projetos – sobretudo os pedagógicos – já foram apresentados a mais de 1,3 milhão de pessoas que já passaram por lá nesses 25 anos de atividade.

68

EXPANSAORS.COM.BR

ATIVIDADES

Públicos de todas as idades, incluindo crianças em fase pré-escolar, procuram o empreendimento, localizado em Viamão. Além do contato direto com a natureza, há inúmeros esportes disponíveis – como trilhas, tirolesa, carrinho de lomba, atividades noturnas, passeios a cavalo, banho na lama entre outros. Além das instalações de hospedagem, há também espaços voltados para atividades empresariais de grupo.


69


RS SUSTENTÁVEL MODELO DE NEGÓCIO

A Quinta da Estância vai muito além do turismo rural. Para o diretor de Relacionamento com o Mercado, Rafael Sittoni Goelzer, o tripé de sustentabilidade – ações sociais, ambientais e econômicas – está na espinha dorsal da Quinta da Estância. Para se ter uma ideia da dimensão do negócio, mais de 7 mil animais apreendidos do tráfico já foram recuperados em suas dependências. Assim, a empresa criou o primeiro criadouro conservacionista do Brasil para a educação ambiental. Também foi a primeira fazenda de turismo a neutralizar as emissões de gases de efeito estufa. Esse cuidado especial com o meio ambiente é responsável por fazer com que muitas famílias desfrutem desse lazer por várias gerações.

RECONHECIMENTO

Não seria exagero afirmar que a Quinta da Estância coleciona prêmios por seus ideais de sustentabilidade. Mas não é só no Brasil que merece reconhecimento. Foi a primeira empresa brasileira de turismo a ser aceita como signatária no Pacto Global da ONU, desde o ano de 2011. Isso possibilita um engajamento, de forma organizada, nas ações globais da ONU. Desde então, seus relatórios de sustentabilidade são publicados anualmente no site das Nações Unidas.

70

EXPANSAORS.COM.BR


71


RS SOLIDARIEDADE TEXTO Mayara Morales | FOTO: Divulgação

ONG celebra seus 20 anos em prol da busca do desenvolvimento humano

ParceiVoluntári ros os

e o valor da solidariedade

72

EXPANSAORS.COM.BR


O

s números da Parceiros Voluntários impressionam: são mais de 2.310 organizações sociais atendidas e 400 mil voluntários nessa rede colaborativa. A organização não governamental (ONG), ou seja, sem fins lucrativos, que, nesse caso, dissemina a cultura do trabalho voluntário, completa 20 anos de existência e já beneficiou mais de sete milhões de pessoas. As pessoas que disponibilizam seu tempo para ajudar o próximo, que talvez nunca tenha visto na vida, também sente os benefícios. Segundo a pesquisa realizada por UnitedHealth Group, em 2013, em menos de 12 meses de trabalho voluntário, 73% dos entrevistados afirmam que seus níveis de estresse diminuíram. O superintendente da Parceiros Voluntários, José Alfredo Nahas, que concedeu entrevista para Expansão RS, fala a respeito da importância do voluntariado para a economia nacional e beneficiados.

COMO O VOLUNTARIADO PODE CONTRIBUIR PARA REDUZIR DILEMAS DA SOCIEDADE BRASILEIRA? Infelizmente, não temos essa informação com precisão, entretanto quando falamos que o voluntariado consiste na grande força transformadora da sociedade em que vivemos. Podemos afirmar que o voluntariado desperta, em cada um de nós, a Responsabilidade Social Individual (RSI), que, segundo a Parceiros Voluntários significa: trabalhar os valores internos faz despertar na pessoa o seu verdadeiro valor, o que a torna mais ativa e socialmente transformadora do mundo ao seu redor. Em uma pesquisa realizada pelo IDIS/2015, 34% dos brasileiros disponibilizam ao longo do ano um tempo para o voluntariado. Estamos falando de um universo de aproximadamente 70 milhões. Em 2014, uma pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha revelou alguns dados:

80% das pessoas de 16 a 24 anos nunca realizaram nenhum tipo de serviço voluntário; Cerca de metade dos voluntários possui ensino superior completo; Dois em cada cinco pertencem às classes econômicas A e B.

QUAL O PAPEL DO TERCEIRO SETOR NA ECONOMIA NACIONAL? Não somente em termos de força de trabalho numerosa no voluntariado, mas o voluntariado também representa uma enorme força econômica. A ONG Parceiros Voluntários faz parte do universo colaborativo de cerca de 395 mil ONGs brasileiras. Segundo o IBGE, essas instituições participam com a fatia de 1,4% na composição do PIB nacional, o que representa o montante significativo de cerca de 30 bilhões de reais No Brasil, essa força de atendimento às necessidade sociais representa 84% dos serviços de educação, saúde e assistência social das comunidades. Segundo pesquisa realizada em 2017 pela DOM Strategy Partners e pelo Fonif, a cada R$ 1,00

investido pelo setor público em isenção da cota patronal, retorna para a comunidade, em forma de benefícios, R$ 5,92. Além do valor econômico, há o valor intangível. Há no voluntário a espontaneidade, o impulso emocional, o sentimento de pertencimento e desenvolvimento humano de ambos os lados. É o fortalecimento dos capitais: social, humano e também da democracia no País. Uma das crenças que norteiam a Parceiros Voluntários, diz que todo trabalho voluntário traz retorno para a comunidade e para as pessoas que o realizam.

73


RS SOLIDARIEDADE

“Não somente em termos de força de trabalho numerosa no voluntariado, mas o voluntariado também representa uma enorme força econômica.” A PARCEIROS ESTÁ COMEMORANDO 20 ANOS DE TRABALHO. QUAL O RUMO DA ONG PARA OS PRÓXIMOS ANOS? A Parceiros Voluntários entende que chegou a hora de, cada vez mais, expandir seus conhecimento e metodologias para todo o território nacional, além de buscar a escalabilidade de todo o seu conhecimento. Sendo assim, temos duas grandes frentes para os próximos anos: 1.PROJETO PARCEIROS VOLUNTÁRIOS SÃO PAULO, em que em um processo conjunto em a Parceiros Voluntários e o Centro de Voluntariado de SP (CVSP), decidiu-se pela nossa organização encampar toda a operação do CVSP, uma vez que São Paulo é a força propulsora de toda a economia nacional e não poderia ser diferente para o tema da expansão da cultura do voluntariado organizado. 2. PROJETO DE DIGITALIZAÇÃO: para ganharmos em escala definiu-se como estratégia digitalizar todo o nosso conhecimento, pois, com isso, ganha-se em escala e podemos disponibilizar todo o nosso conhecimento à comunidade. No ano passado, estabelecemos uma parceria com a IBM para o desenvolvimento da plataforma que seja modelo de interação, para conectar propósitos, pessoas, organizações e recursos em torno de um ecossistema que

74

EXPANSAORS.COM.BR

disponibilize serviços e informações, a um baixo custo operacional, de forma ágil, inteligente e integrada, além de maximizar os resultados de cada ação, gera também o capital intelectual, atendimento eficaz às demandas e maximização dos processos. Esta solução recebeu o nome de Integri e tem como diferencial o uso da inteligência artificial Watson. O JOVEM É UM FOCO NO TRABALHO DA PARCEIROS. POR QUE E COMO O JOVEM ENXERGA O VOLUNTARIADO E O SEU PAPEL TRANSFORMADOR NA SOCIEDADE? A escola sofre com a ausência de espaços de diálogo e protagonismo para crianças e jovens e de um programa integrado à vida, às expectativas e às necessidades destes, o que faz com que, segundo pesquisa do IBGE, o índice de evasão no Ensino Médio tenha subido de 7,2% para 16,2% em 12 anos. Nesse cenário e com base na formação integral do ser humano, que passa pela vivência de experiências que permitem múltiplos aprendizados, o voluntariado, o protagonismo estudantil surge como proposta educativa de promoção de valores humanos e éticos. Ao vivenciar uma experiência coletiva de cidadania e solidariedade, o estudante pode desenvolver competências que contribuem para a vida e preparam para o mundo do trabalho, como criatividade, liderança, empreendedorismo, saber trabalhar em grupo e respeito pelo outro, entre muitas outras habilidades.


RS Ensino

Ivan Renner, diretor-geral do Sinodal

sinodal é 1º no ranking do EnEm EntRE aS EScolaS particularEs gaúchas

O

Sinodal consolidou sua liderança no ranking do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ao ficar novamente em primeiro lugar como melhor média nas provas objetivas das provas aplicadas em 2016. A partir deste ano, o Ministério da Educação (MEC) não divulga mais o ranking das escolas. Porém, a empresa de consultoria em educação Meritt, de Florianópolis (SC), realizou um levantamento a partir de microdados do Enem 2016, divulgados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais (Inep), em novembro. A partir dos microdados, a Meritt elaborou o ranking, representando o maior nível de detalhamento em relação ao Exame Nacional do Ensino Médio. A média alcançada pelo Sinodal nas provas objetivas foi de 655 no exame de 2016, ficando em primeiro lugar no ranking da Meritt entre as particulares gaúchas e em segundo considerando, também, as escolas públicas. A primeira colocada gaúcha na classificação geral foi a Escola Politécnica de Santa Maria, com média nas objetivas de 667. Desde 2005, quando o ranking passou a ser divulgado, esta é a quarta vez que o Sinodal se posiciona em primeiro

lugar com melhor média nas objetivas entre as escolas particulares gaúchas. “Este é o reflexo de uma escola que acredita muito em carga horária ampliada de estudos para seus alunos, investindo fortemente em capacitação e estrutura para proporcionar resultados expressivos aos seus alunos, com foco para que eles sejam líderes na sociedade no futuro. Mas, mais importante do que ficar em primeiro ou segundo, é que a escola se consolida com a melhor média entre as particulares, desde que o ranking do Enem foi criado, no ano de 2005”, destaca o diretor-geral, Ivan Renner. Conforme divulgado pela Meritt em seu site, com a intenção de promover nas escolas e na sociedade o uso de dados para a tomada de decisões em educação, o instituto vai produzir uma série de conteúdos inéditos, a partir dos microdados do Enem 2016. Alexandre Oliveira, responsável pela área de conteúdo da Meritt, destaca que a partir desses dados é possível a escola acessar uma riqueza de conhecimentos sobre o aprendizado dos seus alunos e compará-los ao de outras escolas de mesmo perfil. “Vejo o Enem como termômetro e seus dados como a temperatura de aprendizado dos alunos. A comparação com outras escolas, permite a comunidade ter mais um parâmetro externo de avaliação, evitando as distorções de um olhar autocentrado.”

75


TEXTO Gabrielle Pacheco

RS CULTURAMA

Séries:

The Handmaid’s Tale (Hulu): sucesso do Emmy 2017, a história traz assuntos importantes e polêmicos, como feminismo, religião e estado laico. O enredo se passa na distópica República de Gilead, em que as mulheres pertencem ao Estado e são divididas por fertilidade: as férteis, são raras, cuja única função de procriar, servindo às esposas estéreis de homens ricos e poderosos. 13 Reasons Why (Netflix): a polêmica criação da Netflix, produzida pela cantora Selena Gomez, deu o que falar, por abordar de maneira explícita cenas de estupro e suicídio. Sabe-se que o enredo vai tratar das consequências dos atos ocorridos na primeira temporada, e há rumores de que um massacre escolar possa ocorrer.

American Crime Story: Gianni Versace (FX): criada por Ryan Murphy - responsável por sucessos como American Horror Story e Glee -, a segunda temporada da antologia abordará aspectos da morte de Gianni Versace, estilista da marca homônima, e como sua irmã, Donatella, lidará com o luto e a empresa do irmão. O elenco traz ainda Darren Criss - que também participou de Glee - e Ricky Martin.

2018 será um ano cheio de atrações

para quem curte cultura, com muitos shows internacionais, filmes e séries incríveis! Confira:

Oito Mulheres e Um Segredo: a versão feminina da saga de ação conta com um elenco estrelado, reunindo Sandra Bullock, Rihanna, Cate Blanchett, Anne Hathaway e Helena Bonham-Carter. Estreia: 08/06

Filmes

Fotos: Divulgação

:

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald: o segundo filme da série, ambientada no mesmo universo de Harry Potter, mostrará a fuga do bruxo Grindelwald (Johnny Depp) da prisão mágica americana, após ser capturado por Newt Scamander (Eddie Redmayne) e a Macusa. O filme vai mostrar, ainda, o jovem Dumbledore, interpretado por Jude Law. Estreia: 16/11

X-Men: Novos Mutantes: com um tom mais sombrio, o novo universo dos X-Men traz histórias de mutantes que não haviam aparecido nos filmes anteriores, como Lupina (Maisie Williams) e Mancha Solar, vivido pelo brasileiro Henry Zaga. Aliás, o Brasil marca presença também com Alice Braga, que será a Dra. Cecília Reyes. Estreia: 13/04 Mary Poppins Returns: continuação do clássico musical de 1964, nessa história Mary Poppins (Emily Blunt) retorna para ajudar os já crescidos Jane e Michael Banks. O elenco conta ainda com a presença de Dick van Dyke, interpretando Bert novamente, e Meryl Streep, como Topsy. Estreia: 25/12

76

EXPANSAORS.COM.BR

Shows

Phil Collins: 27/02, Anfiteatro Beira-Rio FOO FIGHTERS (foto) + Queens of the Stone Age: 04/03, Anfiteatro Beira-Rio Shakira: março, dia e local não confirmados


77


RS WEB TEXTO Mayara Morales

BOMBOU VACINA EXPERIMENTAL CONTRA HIV Na Conferência Internacional sobre AIDS, em Paris, foi apresentado dados preliminares positivos sobre a vacina contra HIV. Até 2017, as pesquisas não tinham apresentado resultado satisfatório quanto a proteção da população contra o vírus. Só em 2016, mesmo com os todos os meios de proteção, mais de 1,8 milhão de pessoas foram infectadas com HIV. Assim, pesquisas continuaram sendo desenvolvidas, e essa vacina experimental foi testada em 393 voluntários de cinco países (Estados Unidos, Ruanda, Uganda, África do Sul e Tailândia) e 100% dos participantes apresentaram resposta produção de anticorpos contra o vírus. Com os resultados dessa e de outras pesquisas, segundo os especialistas, é possível voltar a ter otimismo quanto ao desenvolvimento de uma vacina contra o HIV.

JOGAMOS NO GOOGLE OOGLE MAIS DIVERSIDADE

Será que estamos nos despindo dos preconceitos? O Dossiê BrandLab, do Google, mostrou o que os brasileiros pensam e pesquisam sobre diversidade. Segundo os dados dessa pesquisa, em 2017 procuramos, nas plataformas digitais, duas vezes mais sobre temas relacionados à diversidade do que em 2012. Os tópicos mais procurados são sobre feminismo, racismo e LGBTQI+. Aliás, o BrandLab aponta que, nos últimos dois anos, as buscas por feminismo cresceram em 200%. A procura pelo tema se equivale ao racismo, que, segundo a pesquisa, sempre esteve entre os assuntos mais procurados no País.

78

EXPANSAORS.COM.BR

A que se resume 2017? Altos e baixos da economia e política nacional? Parcelamento do salário dos professores estaduais? Essas podem ser algumas das respostas, mas o ano não foi feito só de situações difíceis na gestão pública. O RS Web desta edição especial, é sobre o lado positivo de 2017. Histórias que podem nos inspirar a ter um ano melhor.

MUITO DE BRASIL NA FLIP 2017

Em 2017, os debates sobre temas polêmicos e tabus foram mais recorrentes. A Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), no Rio de Janeiro, chegou a sua 15º edição e bateu recorde de escritores(as) negros(as), que representaram 30% dos convidados, por exemplo. O tema de uma das mesas de debates era A pele que habito, e faziam parte da mesa a jornalista portuguesa Joana Gorjão Henriques e Lázaro Ramos, auau tor do livro Na Minha Pele. Porém, eles foram surpreendidos pelo relato da pro professora paraense Diva Guimarães, de 77 anos, que estava na plateia. A professora falou sobre as situações de racismo e a importância da educação em sua vida. “Fui a primeira pessoa da minha família a ter acesso a escola. Isso fez com que despertasse cedo para a mi minha condição. Minha mãe lavava roupa para outras pessoas em troca de material escolar”, contou Diva. A paraense levou os convidados às lágrimas. Fotos: Divulgação


79


RS PERSONALIDADE TEXTO: Mayara Morales

H

istórias Reais de Paz e Amor, assim se intitula a temporada de shows no Theatro São Pedro, que a banda Nenhum de Nós fez entre os dias 1º e 4 de dezembro. O quinteto gaúchos, conhecido por abordar em suas músicas temas universais, como amor, completou 30 anos de estrada com a marca de 2 mil shows. A banda é dona de diversos sucessos, como Camila Camila, presente em seu disco de estreia, em 1987. No ano seguinte, em 1988, o segundo álbum era lançado, e Astronauta de Mármore, versão em português da música Starman, de David Bowie, foi uma das faixas que se tornou hit e marcou a carreira do grupo. Segundo Carlos Stein, guitarrista da banda, David Bowie, Beatles, Tom Petty, Smiths são a base de inspiração para os trabalhos desenvolvidos até agora. “David Bowie é uma de nossas influências mais importantes”, destaca Stein. Aliás, o guitarrista, também deixa claro que banda Nenhum de Nós é prioridade dos integrantes, por mais que existam projetos paralelos. Sendo assim, ao longo da entrevista, que você pode conferir abaixo, trazemos a perspectiva de cada integrante do grupo musical sobre essa trajetória.

Banda gaúcha encerra

suas comemorações de 30 anos de estrada Nenhum de Nós fecha seu ciclo comemorativo com shows no Theatro São Pedro 80

EXPANSAORS.COM.BR


“O reconhecimento está sendo fruto de uma conquista que envolve muito trabalho e determinação.”

O que significa completar 31 anos de carreira?

Carlos Stein: É uma marca importante. Temos orgulho de nossa trajetória, mas, a meu ver, ainda temos um bom caminho pela frente.

Sady Homrich: São vidas dedicadas a um sonho de ser uma banda digna, com um conceito que vai além de modismos e valores fúteis. O reconhecimento está sendo fruto de uma conquista que envolve muito trabalho e determinação.

Como foi a turnê comemorativa de 30 anos de carreira? Por quais localidades passaram?

Carlos: Não fizemos uma turnê comemorativa, mas temos feito um show acústico em que juntamos nossos dois álbuns acústicos para marcar a data. Já fizemos vários teatros pelo país.

Teve algum momento dessa turnê que foi mais marcante? Por quê?

Carlos: Todos os shows foram muito especiais. O público tem muito carinho pelos números nossos acústicos. E ainda fizemos os arranjos originais. Sady: A parceria com a Roberta Campos, que participou do Sempre é hoje, foi consolidada no palco, em vários momentos e ver um talento da nova geração se emocionar cantando conosco nos deixou impressionados! A temporada 1 + 2 = 30 no Theatro São Pedro, comemorativa dos 30 anos foi inesquecível.

81


RS PERSONALIDADE

Ao longo desses 31 anos, teve algum momento que pensaram em dar um tempo? Por quê?

Carlos: Passamos por momentos muito difíceis nessa jornada, claro, mas acho que nunca consideramos a hipótese de parar com a banda nesses anos de carreira.

Tem algum segredo para manter a mesma formação da banda desde a origem, em 1986?

Carlos: Respeito, manter um ambiente em que todos se sintam comprometidos com o projeto. Acho que é por aí. Sady: Respeito, amizade e sinceridade no que fazemos. Nossas diferenças, somadas, geram uma energia única.

Como foi o processo de inserção do acordeão nas músicas? Carlos: Queríamos uma marca distintiva sulista em nosso rock, por isso optamos pelo acordeão, pela forte identificação com a música tradicional gaúcha. Às vezes queríamos só a sonoridade da gaita, às vezes íamos mais fundo na linguagem regionalista. Ter um acordeonista como o João ajudou muito. Ele tem uma ótima cultura musical, o que facilitou a adaptação do instrumento à linguagem da banda.

Sady: Desde o disco de estreia, essa sonoridade já está presente. No LP Cardume, tem a participação do Renato Borghetti, no Extraño Luiz Carlos Borges. A partir dessa turnê, o João Vicenti passou a ser o gaiteiro. É uma característica indissociável do nenhum de Nós.

Por que optar pelo instrumento?

Sady: Muito natural, faz parte da nossa cultura musical, dessa maneira compôs essa textura com violões, guitarras e a levada rock que são a cara da banda, nos ligando diretamente às nossas origens.

82

EXPANSAORS.COM.BR

A banda tende a abordar a temática de relacionamentos amorosos de formas diferentes ao longo da sua discografia. Isso é algo consciente? Parte das experiências dos integrantes ao longo da vida?

Carlos: É um tema atemporal e universal. Falar de relacionamentos, ou da falta deles, é falar de algo que atinge a todo mundo em qualquer tempo. Mas não fala necessariamente de nossas experiências. Às vezes, falamos sobre pessoas próximas, histórias que observamos.

Sady: Vivência, observação, inspiração... prestar atenção no comportamento de quem nos cerca de alguma forma. Não foi fácil tratar desse tema no início, está um pouco contaminado por uma vulgarização do sentimento. Até descobrirmos que o problema não é a palavra, mas o jeito como é usada.

Algum disco se tornou mais marcante/ significativo para a banda? Por quê?

Carlos: Para mim, o primeiro acústico. Marcou nossa entrada no mercado independente e foi um movimento corajoso de nossa parte. Não que houvessem muitas outras possibilidades na época, mas fizemos tudo sozinhos, junto com nossa produção e técnica. Deu muito certo. Sady: O Acústico Ao Vivo Dois, CD e DVD, mostrou um lado criativo da banda, em arranjos, timbres e postura, que foi muito importante para a sequência da carreira. Foi uma turnê longa e bem sucedida, tirando um pouco a impressão do que havíamos sofrido no Acústico de 1994; por ter sido pioneiro, demorou a ser compreendido.

Por que escolheram a música Starman, de David Bowie, para gravar o cover?

Carlos: Foi uma escolha de nosso produtor do segundo disco, o Reinaldo Barriga. Gravamos ela em inglês, junto com outros covers, e ele escolheu Starman. Só pediu que fizéssemos uma versão em português.


RS PERSONALIDADE

“Num período pouco maior que uma semana gravamos todas as músicas e estávamos com o álbum pronto! ” David Bowie chegou a ter conhecimento sobre a versão da banda? Como foi isso?

Carlos: Segundo soubemos, ele aprovava pessoalmente - ou não - os covers de suas canções. A nossa teria passado pelo mesmo pro-cesso. Além disso, quando fez show no Brasil, disse no palco que provavelmente as pessoas conheceriam Starman em sua versão em português.

Como foi o processo criativo do 16º disco? Quais foram as referências musicais?

Carlos: Foi um processo diferente para nós. Nos fechamos em um estúdio em Caxias do Sul com nosso produtor, Júnior Tostoi, e as canções ainda sem arranjo. Fomos construindo canção por canção a partir do momento.

Veco Marques: A ideia para o disco foi de trabalharmos em estúdios diferentes ao longo de um período e depois disso, lançarmos o disco. Aconteceu que já nas primeiras sessões, junto com o Tostói, que foi o produtor desse trabalho, sentimos que a coisa andaria num ritmo rápido e produtivo. E foi o que aconteceu. Num período pouco maior que uma semana, gravamos todas as músicas e estávamos com o álbum pronto! Foi muito interessante trabalhar assim, com foco e rapidez, de modo totalmente objetivo.

Vocês estão encerrando a turnê de 30 anos. Quanto tempo durou? Pretendem tirar umas férias?

Carlos: Não tiramos mais do que dez ou quinze dias de descanso por ano. Vivemos de férias (risos).

84

EXPANSAORS.COM.BR

Veco: Estamos permanentemente na estrada. Comemoramos de um modo bem bacana essa data, com lançamento de produtos, tipo o vinho e o livro. O show, lembrando os trabalhos acústicos, mas a bússola aponta sempre para a frente, para novos projetos. Teremos férias rápidas em fevereiro e, após, de volta à ativa!

Como a banda lida com os projetos paralelos dos integrantes? Como fica a agenda para manter os shows e os projetos paralelos sem prejuízo?

Veco: O foco sempre é a banda, mas é importante que cada integrante, se assim desejar, faça bom uso do seu talento e tempo ocioso, com trabalhos que sempre levam junto, de alguma forma, o nome do Nenhum de Nós. Projetos esses sempre encaixados em datas disponíveis na agenda da banda, que é a prioridade.

Carlos, Veco e João, tem algum projeto paralelo?

Veco: Eu gosto de contribuir de maneira artística na produção e gravação de vários amigos músicos. Pois me ocupo bem com isso e, na medida do possível, me coloco a disposição.

Vocês se consideram uma banda de rock? Por quê?

Veco: O rock é a pedra fundamental, mas acho que desde sempre o rock sempre teve várias subdivisões e rótulos. Pessoalmente, vejo o Nenhum de Nós como uma banda de música pop, incluindo o rock.


85


RS POA Edith Auler revistaexpansaopoa@hotmail.com

O que nos inspira?

O que nos faz inovar, desenvolver, criar? Para esta edição biconjugada mais que especial, selecionamos depoimentos em busca de uma resposta: o que é inspiração para você?

Para nós, inspiração é também poder estar com vocês aqui neste espaço! A coluna agradece a todos os nossos leitores que ao longo do ano nos acompanharam. Que 2018 seja um ano de pura inspiração. Seguimos juntos nesta caminhada, dividindo neste ano que chega, novidades, tendências e o melhor que Porto Alegre tem a oferecer.

SHIRLEI CRISTINA SILVA, diretora executiva da Idélli e uma das coordenadoras do projeto Idélli Experience. “Acredito que inspiração é a oportunidade de criar experiências realmente positivas para todos em nossa volta. Profissionalmente falando, o que nos inspira é a dedicação voltada a um trabalho estratégico, transparente, honesto, fiel aos seus princípios, mantendo o respeito com o mercado e os seus diversos públicos.”

TIAGO LEITE, empresário e empreendedor em diferentes segmentos de mercado. Proprietário da Leiteria e Rosário Resto Lounge. “O novo é uma inspiração! Estarmos sempre em busca daquilo que ainda não foi pensado, criado, mas tendo como base aquilo que o consumidor precisa e, principalmente, deseja. Inspiração é buscar qualificação constantemente, fazer cursos, evoluir profissional e pessoalmente. Empreender é inspirador.”

BRUNA ARRIECHE GIACOMOLLI, publicitária, sócia da Agência 24H7D e gerente de marketing da Hits Entretenimento. “O desafio é inspirador. Acredito que, com ele, buscamos referências, superação, confiança em um propósito. Na vida e carreira, é o que me move. Através dele, conquistamos e saímos da zona de conforto.”

86

EXPANSAORS.COM.BR


87


RS POA

ALEXANDRE GEHLEN, fundador e diretor gerente da ICH Administração de Hotéis S/A, que tem entre suas marcas a Yoo2 Rio by Intercity e a Intercity Hotels. “Inspiração é experiência. Vivemos num mundo onde tudo é copiável, exceto o sentimento de cada um. Na hotelaria falamos do bom chuveiro e uma boa cama, mas isto é básico. O que conta mesmo é a experiência que imprimimos nas pessoas. E isso só acontece quando se tem gente para tornar o momento fora do seu próprio lar inesquecível.”

JOÃO MATEUS NUNES DOS SANTOS, presidente da M31 Participações, grupo que detém as empresas Vá de Carrão, Muksinos Guindas e Transportes, Fardier Logística Personalizada, Viabilize Engenharia e Gestão no Trânsito de Grandes Cargas, Super Carros Rent a Car, SolarVentus Renováveis e King Indústria de Vidros Blindados. “Desafios são inspiradores! Ideias novas e novas formas de executar tarefas, também! Somos movido a adrenalina, o que acaba nos tornando sempre, e a cada dia, mais inspirados para os negócios e para a vida.”

CAMILA ANDRES, franqueada de Siluets Zona Sul Porto Alegre. “Inspiração é estar feliz e de bem consigo mesma! Homens e mulheres que buscam saúde, bem-estar e beleza tornam-se pessoas ainda mais alegres, trazendo uma grande inspiração para si mesmos e a todos que estão ao seu redor. Inspiração é plenitude.”

FELIZ

2018

LUIZ ALBERTO CASSOL, cineasta e documentaristas. “Acredito que temos que inspirar cada vez mais as pessoas a discutir e debater o tema inclusão e a necessidade de seguir construindo um mundo acessível para todos. Isso é uma verdadeira inspiração. Inclusive este é o ponto de partida do documentário Todos, que estamos lançando e que apresenta a trajetória do historiador com baixa visão Felipe Mianes, que viaja por várias cidades do Brasil e exterior em busca de resposta a uma pergunta: o que é acessibilidade?”

MAURI MENEGOTTO, artista plástico e escultor. “Não existe nada que traduza mellhor a inspiração do que a arte. Querem ter novas inspirações? Vivam mais o universo da arte e as suas infinitas possibilidades! Aqui no atelier, a inspiração para 2018 vem das sementes e a chegada de uma nova vida, através da pedra bruta, com o Enigmas, projeto que apresento 28 peças em pedra basalto.”

88

EXPANSAORS.COM.BR

Fotos: Divulgação


89


RS GOVERNADOR José Ivo Sartori

UM NOVO FUTURO ESTÁ EM NOSSAS MÃOS

N

ós estamos diante de uma menor índice de mortalidade infantil oportunidade real de prode nossa história, entre outros avanços. jetar um novo futuro para o Enviamos recentemente, à AssemRio Grande do Sul. Durante bleia Legislativa, um conjunto de metrês anos, plantamos sementes de mudidas para alcançar o ajuste fiscal e redanças. Na maioria das vezes, não foformular a estrutura da segurança públimos compreendidos por determinados ca no Rio Grande do Sul. São atitudes setores e corporações, mas tivemos debatidas e estudadas internamente à determinação para seguir em frente e exaustão, pois mexem em problemas fazer o que precisava históricos e comple“A nossa equipe ser feito. xos, para os quais Nosso Estado foi trabalha com muito não cabem discursos o que adotou as mais fáceis e soluções máempenho, sem profundas medidas gicas. Nunca abrimos estardalhaço, sem para o enfrentamenmão do diálogo, resto da crise: criamos a demagogia e, acima peitando a autonoLei de Responsabilimia de cada Poder. de tudo, sem falsas dade Fiscal Estadual, O futuro de mais cuja iniciativa foi piode 11,3 milhões de promessas.” neira no Brasil, aprogaúchas e gaúchos vamos a Lei da Previdência Compledepende de medidas amargas, pois não mentar e enxugamos a máquina, com adianta dar analgésico para um doente a diminuição do número de secretarias em fase terminal. Todo nosso esforço é e de cargos em comissão. para voltar a pagar em dia os salários, Fizemos isso sem deixar de cuidar continuar honrando com nossos comdas áreas essenciais: segurança, edupromissos mais básicos e voltar a ter cacação, saúde e social. Realizamos o pacidade de investir naquilo que a pochamamento de mais de quatro mil pulação deseja. servidores para a segurança, nomeaA negociação com o Tesouro Naciomos professores e realizamos centenas nal para adesão ao plano de Recuperade reformas em escolas. Atingimos o ção Fiscal dos Estados é complexa, mas

90

EXPANSAORS.COM.BR


está sendo conduzida com muita responsabilidade e dedicação. A nossa equipe trabalha com muito empenho, sem estardalhaço, sem demagogia e, acima de tudo, sem falsas promessas. Nós não queremos e não vamos fazer “mais do mesmo”. Os problemas que estão postos são enfrentados de frente, pensando no futuro das próximas gerações e não nas próximas eleições. A economia do país começa a reagir. Não no ritmo que nós desejamos, é verdade, mas são claros os sinais de que estamos no caminho da recuperação. No Rio Grande do Sul, também começa a aparecer o resultado de todo o esforço para atrair investimentos. Mudamos o ambiente e melhoramos o relacionamento com empreendedores, sempre apostando em parcerias que resultem em emprego e renda para a sociedade gaúcha. O último, e um dos mais significativos, foi o acordo firmado pela Eletrobrás e Eletrosul com a empresa chinesa Shanghai Electric e o Clai

Fund, Fundo Chinês para Investimento na América Latina. Tratase de uma injeção de quase R$ 4 bilhões na nossa economia, dinheiro que será investido na melhoria e expansão do fornecimento de energia elétrica no Estado. Poderia citar a GM, que está investindo R$ 1,4 bilhão na planta de Gravataí, ou a STIHL, que vai aplicar R$ 300 milhões em São Leopoldo no próximo triênio. O R$ 1,9 bilhão da alemã FRAPORT, que tem a concessão do Aeroporto Salgado Filho, ou ainda a garantia da ampliação da oferta de empregos pela gigante da tecnologia SAP, instalada no Vale dos Sinos. Temos ainda a parceria públicoprivada da Corsan, que resultará em obras na região metropolitana com investimentos superiores a R$ 2,4 bilhões. Recursos que permitirão à companhia concentrar esforços próprios em mais saneamento no interior. Recentemente também conquistamos a garantia de recur-

sos federais para obras na segunda Ponte do Guaíba e em aeroportos regionais, como o de Passo Fundo. São exemplos de que não ficamos paralisados diante da crise e das dificuldades, porque nossa missão é maior do que o momento. O trabalho social, o atendimento a quem mais precisa, nos move. Mulheres e homens, agricultores, operários, empreendedores, cidadãos pagadores de impostos nos inspiram a seguir em frente, sem recuar. É com a serenidade de quem sempre deu um passo por vez, com firmeza e segurança, que projetamos um 2018 melhor para todos os gaúchos. Que sigamos unidos, rumo à retomada do protagonismo nacional que sempre tivemos. Todos pelo Rio Grande!

“A economia do país começa a reagir. Não no ritmo que nós desejamos, é verdade, mas são claros os sinais de que estamos no caminho da recuperação.”

91


RS

RS É NEGÓCIO? JORGE TRENZ -

Consultor Imobiliário

jorgetrenz@trenznegociosimobiliarios.com.br

Fatima Daudt

“QUANDO TODOS ESTÃO BEM,

INSPIRADOS E CONFIANTES, É MELHOR PARA NOVO HAMBURGO.”

E

e fizeram a diferença nas nossas vidas. Depois se perdeu isso, mas tenho certeza de que esse espírito não morreu. Está aí, pronto para aflorar de novo, nos encantar outra vez, nos mover e fazer crescer.

O que inspira a senhora como cidadã, como arquiteta urbanista e prefeita? O que me inspira é a própria cidade. O senso comunitário está no DNA da comunidade hamburguense e quero contribuir para a construção de um lugar melhor, mais inclusivo e moderno. Acho que, quando todos estão bem, todo mundo ganha. Então, essa é a intenção. Muitas coisas criadas aqui foram através das práticas comunitárias. A Fenac, a Universidade Feevale e outras tantas iniciativas nasceram de reuniões em clubes, em associações de bairros

A sociedade brasileira está num momento em que desacredita de tudo. Novo Hamburgo está diferente? A comunidade precisa se inspirar para inspirar a cidade. Precisamos projetar o futuro, botar a casa em ordem e perseguir nossos sonhos, nos apropriando daquilo que é nosso outra vez. Quando há união e propósito, os caminhos se abrem. Olha o exemplo do Parcão. A comunidade assumiu o Parcão e, em alguns finais de semana, chegamos a ter 5 mil pessoas lá. Os espaços públicos são locais de socialização. Quando a cidade não tem esses espaços, ela acaba perdendo a alma, o convívio, e é no conviver que começamos a criar grupos e ações que podem ser positivos para a cidade. Essa visão está no meu plano de governo e nós já avançamos em alguns pontos. O Parque Floresta Imperial, no bairro Industrial, está todo revitalizado, com segurança, e a população está utilizando aquele local novamente. O Parque do Trabalhador também já está com início de obras e todas as praças terão nossa atenção. Durante os quatro anos de administração, trabalharemos no sentido de trazer de volta esta possibilidade do convívio em várias frentes.

sta é a última matéria do ano velho e a primeira do ano novo. Mas não gostaria de falar nem de um, nem do outro. Queria falar de nós que moramos, trabalhamos e vivemos em Novo Hamburgo. O que podemos esperar? Quais as perspectivas? Teremos mudanças que nos levem ao desenvolvimento ou estamos fadados a ir de reboque num estado falido? Seria muita pretensão, entretanto, querer analisar nossa realidade, projetar ou apontar caminhos apenas em cima de percepções próprias. Como profissional do ramo imobiliário e cidadão, claro que tenho minhas opiniões. Busco estar informado e inserido no contexto da nossa cidade, sempre. Como só isso não basta, quis ouvir nossa prefeita, Fatima Daudt, que gentilmente abriu espaço na sua atribulada agenda para esta entrevista e, de quebra, me deu um título carregado de boas vibrações e de esperança.

“Eu gosto demais de Novo Hamburgo.” 92

EXPANSAORS.COM.BR


Presente para a cidade: um centro contemporâneo 93


RS É NEGÓCIO?

O que deve inspirar Novo Hamburgo para que tenhamos um futuro promissor? Ações positivas. A gente tem que pensar positivo e atuar neste sentido. O que nós estamos vendo nesses últimos anos são episódios negativos que se sobrepõem e fazem com que, no dia a dia, se fale demais em coisas ruins no Brasil inteiro. Eu acredito que as situações contrárias existem para nos ensinar, não para nos prender. Então, o que vai fazer com que as coisas mudem é o próprio cidadão. Eu andei vendo umas frases muito legais ultimamente: #boratrabalhar; #chegadefalar. Acho que é por aí mesmo. As pessoas ficam muito no discurso, se pegando no desconstruir e não no construir. Hoje é muito fácil bater, falar mal, mas é difícil ver grupos de pessoas que fazem, agem e constroem alguma coisa boa. O que orgulha a senhora nas ações concretizadas até o presente momento? A prefeitura é um trabalho difícil, árduo, não tem hora, não tem dia, é direto. A cidade não para 365 dias por ano. E precisamos apresentar resultados. Uma coisa que eu dizia durante a campanha era: “Eu não aguento mais ver as pessoas irem a Campo Bom tirar fotos na praça” (risos). Hoje eu fico feliz da vida, acompanhando nas redes sociais, o pessoal vindo de fora tirar fotos no Parcão. É o primeiro ano de governo e ter esse tipo de resposta é muito gratificante. A senhora imaginava que fosse um trabalho duro assim? Eu imaginava que sim, porque, na ACI, eu trabalhava com três prefeituras. Eram três prefeitos, três Câmaras de Vereadores, então eu já tinha uma ideia do que seria. O que eu não imaginava, mas fui alertada pelo Dr. Ruy Noronha, que participou de várias administrações, é o desmanche que nós encontramos na prefeitura. Isso eu não esperava. Meu esforço e de todos os secretários durante esse ano foi imenso. E aí surge a importância da nossa escolha ter sido técnica, porque só assim para conseguir colocar as secretarias em funcionamento e nos eixos. Tem muita coisa ainda para fazer nesse sentido, de organizar a casa. Imagina o resto. Mas chegaremos lá.

94

EXPANSAORS.COM.BR

Lá onde, prefeita? Novo Hamburgo é uma cidade de ponta, precisa reassumir seu protagonismo. Até agora, nós estamos trabalhando para fechar o ano com o orçamento que recebemos. Assumimos tendo que fazer tudo ao mesmo tempo. Enquanto estávamos nos organizando, eu estava tentando, também, recuperar o recurso do BID, que estava perdido. E muitas questões explodindo pela cidade toda. Existem muitos problemas e as pessoas querem respostas. Respostas imediatas, mesmo para situações relegadas há décadas, como os alagamentos, o asfalto que está completamente envelhecido. A gente tapa mil buracos, aí chove e abre dois mil. A administração está atrelada ao orçamento da gestão passada? Exatamente. A maioria das pessoas não tem consciência disso. O mesmo se dá quando a Cultura, por exemplo, aplica 30 mil num evento e o pessoal reclama: “Ah, mas com tanto buraco na cidade vai investir nisso?”. São verbas vinculadas, portanto, atreladas àquela pasta. Eu não posso pegar o dinheiro que está numa secretaria e botar no asfalto porque eu quero. Existem regras e leis que precisam ser observadas. Mas, daqui pra frente, o trabalho vai começar a ser muito diferente. O que há de novo pela frente? Estamos deixando várias licitações prontas até dezembro para que, assim que se iniciar o próximo exercício, possamos dar sequência aos trabalhos e não perder meses para organizar as licitações e colocar o processo em marcha. Fizemos um planejamento para isso. Também é necessário que o município tenha um aumento de receita. Durante muito tempo, nós perdemos empresas, e a nossa receita precisa ser ampliada para que possamos suprir as necessidades e ter recursos para investir no desenvolvimento. Isso já está acontecendo com os movimentos que fizemos para atrair novas empresas e com um novo modelo econômico. O CIT, que é o Centro de Inovação Tecnológica, será construído no próximo ano e, tenho certeza, vai contribuir muito. Empresas também são assediadas para sair daqui. Como mantê-las? Elas precisam ter interlocução, ser ouvidas, se sentirem seguras. Logo vamos inaugurar a Sala do Empreendedor, onde o empresário terá um atendimento exclusivo. O empreendedor vai chegar lá e encontrar as respostas que precisa, sem burocra-


95


RS É NEGÓCIO?

cia e com agilidade. Nossa meta é chegar ao final do mandato com a marca de sete dias para abrir uma empresa na cidade. Para montar esta estrutura, a Secretaria do Desenvolvimento será realocada para o 10º andar, que ficou vazio. Com nossa reforma administrativa, diminuímos radicalmente o número de cargos de confiança, economizamos mensalmente R$ 550 mil e ficamos com um andar vazio na prefeitura. A secretaria vai subir e, no segundo piso, teremos a Sala do Empreendedor. Eu sei que a senhora tem um presente aguardado pela cidade. Podemos abrir para a população? Sim, podemos. É o inicio das obras de revitalização do Centro, com os recursos do BID que havíamos perdido. Em oito anos, tínhamos executado apenas 7% do projeto e isso fez com que o Banco rescindisse o contrato. Tivemos quatro meses de trabalho para recuperá-lo e foi o primeiro caso do banco na sua história. Por isso, fui convidada para palestrar em Washington, no Fórum de Prefeitos da América Latina, o que me deixou muito satisfeita. Se não tivéssemos conseguido reverter isso, Novo Hamburgo estaria na lista negra do Banco Interamericano de Desenvolvimento e não conseguiríamos mais recursos através dele. Sem falar que isso se espalha entre outros bancos internacionais, então, veja a dificuldade que estaríamos criando para nós no futuro. Quando começa a revitalização do centro da cidade? Nossa intenção é tocar este processo no início de 2018 e iniciar as obras até o meio do ano. Tudo vai depender do andamento das coisas, mas este é o nosso cronograma. Queremos fazer tudo o mais rápido possível, porque a intervenção é grande e temos ali uma área de comércio. Então, quando começarmos os trabalhos, é importante que haja o entendimento sobre a sua importância. Vai ser muito bom para os comerciantes, porque o centro vai ficar bonito, toda a Praça do Imigrante será revitalizada, as vias do entorno, a parte das calçadas, o calçadão, o Paradão, a parte elétrica. Tudo isso vai ser feito novo. Teremos um café, as

96

EXPANSAORS.COM.BR

bancas serão melhoradas, a praça vai ganhar um chafariz. Onde fica o terminal turístico hoje, teremos um ponto da Guarda Municipal, melhorando a segurança do centro. A otimização da rede elétrica vai acabar com a poluição visual que se percebe hoje. Vai ser subterrâneo? Havia a intenção de fazer o cabeamento subterrâneo, ao menos em volta da Praça do Imigrante, mas a RGE não dispõe de tecnologia que nos permita fazer isso em pouco tempo naquela área, que possui um lençol freático complicado. O custo também seria alto demais, pois teríamos que construir galerias de um tamanho bastante grande. Optou-se, então, por otimizar toda a rede elétrica. Vai haver uma valorização imobiliária grande na área central. Os comerciantes terão um centro atraente, seguro e isso vai trazer pessoas de fora para passear e fazer compras aqui. Toda a área vai virar um grande shopping a céu aberto. A revitalização contemplará todas as vias do entorno da praça? Sim. Todas as calçadas serão trocadas e padronizadas com a linguagem universal de acessibilidade. Vai ter o piso tátil para pessoas com deficiência visual, acessibilidade para deficientes físicos, sinaleiras com alerta sonoro, sinalização para os pedestres fazerem o cruzamento das vias. E o saneamento, prefeita, evoluímos nisso? Eu tenho vergonha de falar disso. Tu que és da área imobiliária também deve ter. Como dizer para alguém de outra cidade que quer comprar um imóvel aqui que temos 4,5% de saneamento na cidade? É uma vergonha. Fez-se um alarde de que iriam fazer 80% de saneamento, mas ficou igual ao projeto do BID. Não saiu dos quatro e meio. Quero terminar a administração com pelo menos 50%. Sua trajetória profissional tem ajudado no trabalho à frente da prefeitura? O fato de ter sido presidente da Associação Comercial e Industrial por cinco anos e a formação como arquiteta e urbanista têm auxiliado bastante. E meu amor pela cidade também, pois eu nasci e cresci aqui. À frente da ACI, desenvolvi um pouco mais o aspecto da gestão. Ao mesmo tempo, minha visão de arquiteta e urbanista cria possibilidades de ver a cidade no todo. Não só a infraestrutura, mas as questões sociais também, as necessidades mais banais e até situações relativas à valorização imobiliária, por exemplo, que é a tua área. Acho que isso é crucial.


97


RS POLÍTICA

FIXINHA Sapateiro virou deputado e defensor da geração de empregos

D

eputado estadual há seis mandatos, João Fischer, o Fixinha, é reconhecido pela forma ferrenha com que defende o setor produtivo, quem trabalha e produz. Filho de pequenos agricultores, Fixinha virou sapateiro com carteira assinada logo aos 12 anos, quando começou a trabalhar na Calçados Paquetá, em Sapiranga, de onde se afastou apenas para assumir o primeiro mandato de deputado estadual, depois de 22 anos interruptos trabalhando dentro do setor produtivo. “Como trabalhador, aprendi que nada é mais importante do que uma oportunidade digna de emprego. E para ter empregos, precisamos de empresas. Trabalhador e empresário precisam muito um do outro. Por isso, defendo quem trabalha, quem gera emprego e todos que estiverem dispostos a empreender, em arriscar o seu capital para gerar novas oportunidades e fazer a roda da economia girar”, diz o parlamentar. A atuação marcada pela defesa intransigente do setor produtivo, faz do gabinete 1106, na Assembleia Legislativa, ponto quase que obrigatório da indústria gaúcha, em especial dos setores coureiro-calçadista, moveleiro, metal mecânico, plástico, tecnologia e da alimentação. São dezenas de lutas ao longo dos anos, onde relembra muitas conquistas, avanços e também as tantas dificuldades que precisam ser enfrentadas por quem quer trabalhar e produzir em nosso país. Entre as tantas conquistas, Fixinha relembra o trabalho pelas mudanças implementadas pelo então governador Britto, que ajudaram a estancar a saída de empresas do RS, tanto do setor calçadis-

98

EXPANSAORS.COM.BR

ta, como dos demais setores e ajudaram a trazer empresas como a Ford (que acabou sendo mandada embora) e a General Motors, cujo último projeto de expansão - com anúncio de investimento de R$ 1,4 bilhão para a expansão da unidade produtora de Gravataí -, teve a relatoria do deputado Fixinha. O parlamentar relembra também a atuação na época do governo Rigotto, que garantiu a devolução de centenas de milhões de reais em créditos tributários às indústrias e ajudou a manter milhares de empregos; o trabalho pela redução do ICMS dos setores calçadista, moveleiro, da alimentação, da água e tantos outros; a liderança de trabalhadores e empresários na marcha a Brasília, ainda no primeiro governo Lula; o enfrentamento com o governo argentino, em diversas oportunidades, garantindo o ingresso de produtos brasileiros naquele país; além do trabalho decisivo na implantação de cooperativas de crédito na Região, como a Ecocred, com sede em Três Coroas e unidades em diversos municípios. Natural da localidade de Morro Alto, interior de Taquara, ele mantém a pequena propriedade da família, onde planta e cuida da criação. “A base da nossa economia, na maioria das cidades, é a pequena propriedade. Manter o homem no campo, oferecendo melhores condições para quem quer plantar, assim como oportunizar alternativas de conhecimento para seus filhos, é fundamental para termos produção e gerarmos conhecimento no interior”, destaca.


Divulgação

LIDERANÇA Com atuação em diversas regiões do Estado, o parlamentar preside a Frente Parlamentar em Defesa da Indústria e do Setor Produtivo, e é o líder da bancada do Partido Progressista no biênio 2017/2018. “O Rio Grande tem enormes desafios para voltar a oferecer qualidade de vida e investir em áreas prioritárias para os gaúchos, como segurança, saúde, educação e infraestrutura”, por exemplo. Na Assembleia, Fixinha tem votado a favor de projetos para modernização e maior eficiência do Estado. Um dos principais e mais polêmicos projetos que contou com o voto e o apoio de Fischer foi o que estabeleceu a Lei de Responsabilidade Fiscal Estadual. A proposta teve como objetivo impedir novas despesas sem previsão de receitas, como acontecia anteriormente. Dessa forma, o texto proibiu a concessão de reajustes salariais que vigorem a partir da troca do governo.

TRABALHO GARANTE MELHORIAS EM ESTRADAS ESTADUAIS Os investimentos realizados pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) na região têm participação direta de Fixinha. O deputado tem atuado, continuamente, junto à direção da empresa e ao governador do Estado, apresentando sugestões e cobrando a execução de obras. Entre as melhorias que já aconteceram e que estão saindo do papel estão a construção da pista lateral junto à Feevale, em Novo Hamburgo; duas passarelas na RS-239, em Sapiranga; pistas laterais em Sapiranga, a construção de novo acesso em Taquara; a duplicação da RS-239, entre Taquara e Rolante, com recuperação do asfalto e sinalização; ciclovia em Riozinho; asfaltamento do Caminho das Pipas, em Rolante; recuperação do asfalto e obras de contenção na RS-115, no trecho entre Três Coroas e Gramado; entre outras conquistas. “Minha preocupação é que possamos ter melhores e mais seguras estradas”, definiu Fixinha.

99


Informe TrIbuTárIo

RS Drops

Paulo nicolau Justen Contador administracao2@justen.cnt.br

A nossa pátria, progresso com honra e dignidade

O advogado e empresário hamburguense Antonio Weck registrou no início de novembro sua filiação no Progressistas de Novo Hamburgo (RS). A solenidade contou com a presença de lideranças políticas, como a senadora Ana Amélia (foto), e ocorreu no CTG Terra Nativa, em Novo Hamburgo. Weck foi a liderança destaque anunciada, com mais 29 filiados, e falou sobre sua vida e seu projeto no PP para mais de 500 pessoas. Weck recepcionou a senadora, agradecendo-a pelo esforço para chegar ao evento e os obstáculos que ela enfrentou em seu voo. Mesmo assim, subiu ao palco acompanhada de Weck, do presidente estadual do PP, Celso Bernardi, e do município, Ivan Carlos, do deputado estadual João Fischer, o Fixinha, e demais políticos, parabenizou a filiação de 30 cidadãos e falou sobre o papel que Weck vai ter dentro do PP. “Vamos ter bons resultados e suar muito”, afirmou a senadora.

Para mais um mandato

O atual presidente do Sindilojas Vale do Rio Pardo, Mauro Spode, foi reeleito para mais um mandato. Os associados do sindicato decidiram dar continuidade ao trabalho iniciado em 2014. Assim, o empresário da Hoffmann Spode segue na presidência, tendo como vice a empresária Luciane Beatriz Fischer, da DaLu Roupas e Acessórios. O novo mandato inicia 2 de janeiro de 2018 e vai até 1º de janeiro de 2022.

100 ExpansaoRs.com.bR

Fotos: Divulgação

Estamos vivendo momentos muito difíceis na nossa sociedade. Em todos os setores sentimos altos e baixos, uns mais outros menos. O governo proclama um discurso de otimismo, dizendo que aqui ou acolá acontecem reações positivas, e que a economia está crescendo. Porém, estamos muito inseguros no momento atual, pois tudo é reforma, que vai, na realidade, redundar em mais arrecadação para quem recebe muito e gasta mal, aumentando sempre mais o buraco do déficit, diminuindo a capacidade do processo produtivo. De sã consciência, para uma Dívida Pública como a nossa (impagável), com desvios de recursos sem precedentes, e declarações de que tudo “foi feito dentro das linhas legais” com a devida prestação de contas, mostra um cenário que não passa de uma letra morta e palavras sem o mínimo nexo com a verdade, todos defendendo seus interesses particulares, mantendo o estado de coisas já existentes. No momento existe uma verdadeira guerra, luta pelo poder, onde cada um quer demonstrar mais sua “inocência”, tornando lamentável este quadro que estamos vendo e vivendo. Neste conflito, sabemos que a primeira coisa que acontece é de que a verdade desaparece e a mentira predomina. Portanto, o melhor para a sociedade é não mais acreditar nesta classe politica que engana e trapaceia. Quando uma sociedade chega neste ponto, nada de bom podemos esperar no front. Para termos uma mudança, não é suficiente reerguer a economia para o trem andar, porque estamos sem os trilhos. Todos devemos processar uma mudança no nosso modo de pensar e agir, cultivarmos uma cultura de nos preocupar com o nosso próximo, que também precisa crescer e evoluir, proporcionando um desenvolvimento harmônico. Todos somos responsáveis uns pelos outros, cada um na medida de suas capacidades. A orquestra da Nação deve estar afinada, com um dirigente comprometido com a mesma. Que haja uma reforma em cada um de nós, e que a educação proporcione a formação de pessoas íntegras, iniciando em casa, na família com estrutura, e que todos estejam convictos que este é um processo que envolve cada cidadão, tornando a nação grande e forte, não pelo tamanho, e sim pela qualidade das pessoas que formam uma sociedade. O processo de formação é lento e permanente. Sempre. Oxalá, vivamos esta realidade no futuro. Quem estiver disposto, deve iniciar o processo. Onde há boa vontade, encontraremos um caminho. Aproveitamos esta oportunidade, com espírito de fé e esperança, desejar a todos um Santo, Feliz e abençoado Natal, renovando os bons propósitos para que tenhamos um futuro com paz e 2018 com prosperidade e Deus no coração. São os nossos votos.

ato de filiação em novo Hamburgo


O presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs), Gilberto Petry, foi o palestrante no evento que encerrou as comemorações de 25 anos da Abrameq e do Sindicato da Indústria de Máquinas e Implementos Industriais e Agrícolas de Novo Hamburgo e Região (SinmaqSinos). Petry observou que “também sou fabricante de máquinas e sei bem das dificuldades deste setor, que normalmente é o primeiro a sentir os efeitos das crises e o último a sair”. Destacou que 30% dos setores industriais gaúchos já mostram sinais de recuperação, mas o tempo de cada setor é diferente para vencer seus desafios. Em relação ao Rio Grande do Sul, reforçou que devemos nos orgulhar da nossa indústria. “Temos empresas, como a Tramontina, que são referências mundiais em seu setor. O setor calçadista, assim como outros, é o mais avançado do Brasil”.

Fotos: Divulgação

A INDÚSTRIA GAÚCHA NO DESENVOLVIMENTO BRASILEIRO

MIGUEL SCHMITZ E ROSALVO JOHANN SÃO HOMENAGEADOS EM NOVO HAMBURGO

O Plenário Luiz Oswaldo Bender ficou lotado de familiares, amigos e convidados para prestigiarem o ex-prefeito Miguel Henrique Schmitz e o empresário e ex-dirigente do Esporte Clube Novo Hamburgo Rosalvo Antônio Johann. Ambos receberam os títulos honoríficos de Cidadão de Novo Hamburgo. O Decreto Legislativo nº 5/2017, assinado pelos 14 vereadores, concedeu a honraria aos homenageados de 2017. A láurea é concedida anualmente, conforme estabelece a Lei Municipal 2.672/2014, a pessoas que tenham prestado relevantes serviços ao Município. O título de Cidadão de Novo Hamburgo é a maior distinção outorgada pelo Parlamento hamburguense.

SUPERBROWS PMU ACADEMY OFERECE CURSO DE MICROPIGMENTAÇÃO

A designer de sobrancelhas Vitória Boa Nova, proprietária da SuperBrows PMU Academy, localizada em Novo Hamburgo, oferece cursos de microdesepigmentação para profissionais, que dese jam se aperfeiçoar na técnica. O empreendimento leva o nome da técnica criada e aperfeiçoada por Vitória. A profissional buscou especialização fora do país e esteve em congressos internainterna cionais voltado para esse ramo. Por conta disso, tem temporada de atendimentos e cursos na Europa.


RS Cada Vez MelhoR daniel Müller daniel@cadavezmelhor.com.br

A mAior lojA do mundo

* Jornalista, fundador e CEO do Instituto Cada Vez Melhor

102 ExpansaoRs.com.bR

amantes do churrasco reunidos em Gramado

Em sua primeira edição, o festival Ô Churras atraiu cerca de mil pessoas à Caza Wilfrido, em Gramado, no início de dezembro. Amadores e profissionais do churrasco se uniram para preparar mais de duas toneladas e meia de carne e acompanhamentos, espalhadas em dez estações, cada uma comandada por um chef. O festival contou ainda com áreas de lazer e convivência, espaço kids, venda de artigos especiais relacionados a cultura churrasqueira e cinco atrações musicais que se intercalaram em nove horas de música. A segunda edição do Ô Churras em Gramado já está confirmada em 2018, a data oficial ainda será anunciada. “Nossa ideia também é que o evento possa ser realizado em outros lugares além de Gramado”, destaca o organizador Enzo Arns.

Vitor Koch é reeleito presidente da fcdl-rs Com 83 votos, equivalente a 70%, a chapa 1 foi eleita para comandar a Federação das Câmaras Lojistas do Rio Grande do Sul (FCDL-RS). Vitor Koch e demais integrantes da chapa representam o varejo gaúcho no próximo triênio, 2018-2020. Em um processo democrático, votaram presidentes de CDLs, diretores distritais e ex-presidentes. Divulgação

Recentemente, minha esposa e eu entramos na Macy’s de Nova York, também conhecida como “A maior loja do mundo”. Eram 4 horas da tarde e, àquela altura, eu já estava exausto de tanto caminhar, carregando o meu filho Davi no colo. Quando chegamos no segundo andar da loja, avistei um café e disse para minha mulher: eu vou ficar aqui com o Davi e aproveitar para comer alguma coisa. Por favor, vai fazer tudo o que precisas e vem me encontrar aqui. Ok? Mal eu sabia que iria me arrepender de não haver pensado melhor em cada palavra. Coloquei o Davi no carrinho, sentei numa mesa e tomei um café cappuccino. De repente, o meu filho começou a ficar inquieto e pediu para descer do carrinho. Começou a correr de um lado para ou outro da loja. O descanso durou pouco e olhei para o relógio, pois minha esposa estava demorando muito. Já havia se passado uma hora e meia e ninguém fica tanto tempo fazendo compras. Só pode ter acontecido algo! Instantes depois minha esposa se aproxima e pergunta: tudo bem? Eu não pude evitar o meu impulso: Poxa Luciana! Eu estou aqui te esperando a mais de uma hora e meia! Onde você estava? Que falta de consideração! Ela, cheia de razão, reagiu: mas o que foi que tu me disse, esqueceu? Tu disse: vai fazer tudo o que precisas e vem me encontrar aqui. É o que eu estou fazendo! Eu nem preciso contar o final da história. Necessito reconhecer que falhei no contrato, na comunicação. Eu não podia ter combinado algo sem estabelecer um tempo limite. Deveria ter perguntado: Que horas são agora e que horas você retorna? Quanto tempo você necessita? Eu duvido que ela tivesse me dito: volto daqui a uma hora e meia. Minha dica de hoje é: nunca combine uma tarefa sem deixar claro o tempo limite. Combine sempre o “Quando”. Quando você me entrega? Quando você volta? Pergunte sempre “Quando” e você terá uma vida cada vez melhor.

RS Drops

sindGastrhô prepara transição de Gestão

Completando oito anos na presidência do Sindicato Empresarial de Gastronomia e Hotelaria de Novo Hamburgo, Estância Velha, Campo Bom, Sapiranga, Ivoti e Dois Irmãos (SindGastrHô), César Silva prepara a transição no comando da entidade. “Conseguimos colocar o SindGastrHô num novo patamar de credibilidade, visibilidade e reconhecimento”, frisa Silva. Com sede em Novo Hamburgo, o SindGastrHô tem 22 anos de história. Como um dos principais legados do período, o atual presidente destaca a estruturação administrativa que permitiu ao sindicato ter presença regional forte, com olhar especial para o potencial turístico dois seis municípios. “Temos cerca de 1.200 operações na região ligadas ao setor que respondemos. Nossa preocupação sempre foi trabalhar o regional. Precisamos ter os municípios estruturados, pois as chances de crescimento e fortalecimento aumentam”, destaca.


Gabrielle Pacheco/Divulgação

NONNO MIO EM PROJETO DE EXPANSÃO PARA 2018

O restaurante Nonno Mio, de Gramado, busca preservar e ampliar a reputação do negócio da família, e isso passa pela escolha minuciosa dos franqueados. O restaurante tem como proposta que o novo sócio trabalhe diretamente no negócio e não seja apenas um investidor. “Mais do que incrementar nosso faturamento, o objetivo principal com o plano de expansão é consolidar a marca Nonno Mio também em outras regiões”, afirma Felipe.

É HORA DE DRINKERS

Querendo um drink, mas com preguiça de fazer? A Drinkers resolve o problema! Localizada em Novo Hamburgo, a empresa oferece serviços de coqueteleria com delivery, entregrando na casa do cliente. Com opções variadas que vão desde os chamados drinkitos, caipiroskas, especiais e premium, a Drinkers traz combinações inusitadas, como o De Copos pro Ar (foto abaixo). Para quem já possui o copo da marca, pode pedir um novo drink com o refil, pois a empresa leva um copo novo e pega o antigo de volta. Mais informações estão disponíveis no site www.drinkers.com.br e pelo Instagram @drinke.rs.

HOSPITAL DE SANTA CRUZ IMPLANTA SISTEMA DE ENERGIA SOLAR

O Hospital Ana Nery (HAN), de Santa Cruz do Sul, terá a possibilidade de produzir energia limpa e renovável, através da maior usina de geração de energia solar em estrutura hospitalar do Brasil e uma das maiores microusinas fotovoltaicas do Rio Grande do Sul. Em coletiva, foi anunciado o investimento de R$ 1,2 milhão, financiado pela Cooperativa de Crédito Sicredi Vale do Rio Pardo e projeto da Solled Energia, com o objetivo de reduzir em 25% a conta de energia elétrica do hospital, que gira em torno de R$ 100 mil mensais.

Tudo para construir ou reformar

Materiais Elétricos e Iluminação

103


RS DiReito &empReSaS alberto Becker alberto@beckeresantos.com.br

Feliz ano novo!

104 ExpansaoRs.com.bR

A equipe de Robótica do Colégio Sinodal São Leopoldo conquistou os três primeiros lugares no Desafio de Robótica Mostratec/Unisinos 2017, na maior feira jovem de ciências e tecnologia da América Latina, que ocorreu em Novo Hamburgo, na Fenac. O time comandado pelo professor Jorge Jardim Júnior levou o primeiro e o terceiro lugares na competição com alunos do Ensino Médio, e o segundo lugar no Ensino Fundamental. Foram campeões na Mostratec os alunos Arthur Tonial da Silveira, Gabriel Sadigursky Nunes Cunha, João Dacol Soares, Nícolas Grisa Prokopetz, Carlos Daniel Alves da Rosa, Tales Graef Müller, João Antônio Astolfi Gonçalves, João Cardoso Terra Martini, Bruno Richwicki e Erick Leonardo Godoy da Fontoura.

Santa PaSSadeira é novidade em Santa Cruz do Sul

Especializada em passar roupa e organização de closets, a Santa Passadeira inaugurou sua loja em Santa Cruz do Sul. O empreendimento ainda comercializa produtos e acessórios para organização de guardaroupas. A nova empresa contará com profissionais qualificados e treinados para entregar as roupas com qualidade na passadoria. “É um serviço personalizado feito com todo cuidado e carinho”, garante Gilvana Brescovit, proprietária da marca. Com propostas de sustentabilidade, as roupas serão transportadas em sacola de material reciclável retornável. Já os cabides também serão retornados para sua reutilização. Valepress/Divulgação

* Advogado

Sinodal é deStaque em deSafio de robótiCa

Divulgação

O Réveillon é sempre um período de reflexão. No calendário, pode parecer apenas mais uma data, oportunidade de descanso para uns, outro dia qualquer para outros. Contudo, tenho a impressão que, para a imensa maioria, o início do ano tem uma certa magia, que renova a gente. Gosto de pensar desta forma. É uma das poucas coisas do senso comum que realmente gosto - está bem, o futebol também - e faço questão de cultivar: essa ideia elegante e inteligente de que podemos fatiar o tempo, inaugurando novos ciclos de vida nos quais somos capazes de tudo, superando as dificuldades do passado e nos refazendo, sob os influxos das energias benfazejas desta época do ano, quando as pessoas estão, de verdade, desejando-se mutua e reciprocamente o bem. Então, é lugar comum que, por ocasião deste novo ciclo que se avizinha, nos lancemos a objetivos e metas igualmente novos (ou nem tanto) para o ano que vai nascer. Mas o que fará o ano novo ser, de fato, melhor do que aquele que passou? Por falar nisso, melhor em quê? Quando falamos a empreendedores, a gestores, a conselhos de administração, evidentemente, a expectativa é a de que isso signifique aumento nas vendas, na participação de mercado, na lucratividade, na rentabilidade, na qualidade e assim por diante. No entanto, como já é peculiar deste espaço, insisto: as empresas são feitas de pessoas e para elas que quero falar. No ritmo alucinante de nossos dias, nos quais parecemos mesmo sempre atrasados e com pressa, é o encontro com aquilo que nos faz gente, que nos humaniza, que pode promover uma vida efetivamente melhor. Como disse, certa vez, o Henrique Schneider: “quando corremos demais, às vezes é preciso parar, para que a alma nos alcance”. Por alma, a despeito de qualquer credo, entendamos a nossa essência, aquilo que somos de verdade, nossos valores, nossos princípios, que nos alimenta, que nos move e nos faz felizes. Para além do mundo corporativo, que, por agora, se acha concentrado em estruturar seus orçamentos, planejar suas atividades e buscar aumentar seus lucros, o mais importante crescimento ocorre dentro de nós mesmos. Ele que sustentará todo o mais e que fará 2018 verdadeiramente melhor. Que possamos viver a vida mais leve, reclamar menos, agir mais, discutir apenas o necessário, ter tempo e qualidade nas nossas relações, desfrutar da família, aproveitar a jornada, enfim. Esta é a grande melhora que devemos buscar em nossos resultados. Com esforço e trabalho, sim, como sempre foi. Mas com olhar mais terno e humano para os nossos e para nós mesmos. Feliz 2018!

RS Drops


Ana Knevitz/Divulgação

A Universidade Feevale recebeu uma nova estação metereológica, instalada no prédio Verde do Câmpus II, em Novo Hamburgo. O aparelho fornece dados referentes à temperatura mínima, média e máxima diárias e mensais, precipitação acumulada diária e mensal e direção e velocidade do vento. A nova estação permitirá a obtenção de dados mais precisos referentes à chuva e à temperatura em Novo Hamburgo. Participam do projeto os professores Jairo Lizandro Schmitt e Daniela Montanari Migliavacca Osorio, do Programa de Pósgraduação em Qualidade Ambiental, e Camila Storck Führ, acadêmica de Ciências Biológicas e bolsista pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Pibiti –CNPq).

Divulgação

feevale reCebe nova eStação metereológiCa

SenaC-rS reCebe Prêmio internaCional

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Rio Grande do Sul, Senac-RS, é a primeira instituição de ensino do Brasil a receber o Prêmio Ibero-Americano da Qualidade, reconhecimento máximo à excelência em gestão da Ibero-América. A cerimônia de entrega da premiação ocorreu, na República Dominicana, e contou com a presença do vice-presidente da Fecomércio-RS, Leonardo Schreiner, o diretor regional do Senac-RS, José Paulo da Rosa, o gerente do Núcleo de Planejamento da instituição, Ariel Berti e autoridades locais.

105


RS ENERGIA DOS NEGÓCIOS

RS Drops

Isnar Amaral* Consultor ambiental - CRQ 05203390 isnaramaral@ambientebasico.com.br ambientebasico.com.br | (51) 99956-0042

UM NOVO ANO, UM NOVO PADRÃO DE ENERGIA

ambiente que Mata (esclarece sobre a interferência do ambiente na saúde das pes*Palestras: soas); energia do Negócio (correlação entre o ambiente empresarial e resultados alcançados), e Equipe Eficaz (motivação e conscientização para as equipes de trabalho) serviços: Análise do ambiente residencial ou profissional tornando-o harmônico e saudável, e reprogramação quântica do ambiente empresarial para melhorias nos resultados

106 ExpansaoRs.com.bR

Divulgação

Ações como soltar foguetes, comer lentilha, pular sete ondas, usar roupas brancas, peças íntimas amarelas e outros rituais na virada do calendário, não determinam o sucesso esperado para o novo ano. A inspiração é a base para um novo jeito de realizar os sonhos e conquistar novos resultados. Analisar os resultados do ano que se encerra é uma fonte de inspiração para fazer mais, conquistar mais e realizar mais no ano que inicia. Observar as possibilidades e não as dificuldades, pois tudo é passageiro e depende da opção de cada um. O fato de ignorar a voz coletiva que acha que não tem saída, que só se queixa e não age para mudar, abre espaço para a intuição e a inspiração, conectando a consciência com a energia do universo que vai dar respostas para os questionamentos. Pergunte ao universo e “sinta” a resposta. O que mais é possível para o meu negócio, a minha carreira ou minha atividade profissional deslanchar neste novo ano? Somente pergunte e não dê a resposta, pois ela chegará através da inspiração, da intuição e de sinais. É a partir da consciência que se formam os pensamentos e estes são o início de tudo. Os pensamentos e os sentimentos são energias sutis que atraem vibrações ressonantes por meio do entrelaçamento quântico. Desta forma criam condições favoráveis e oportunizam a materialização dos sonhos e objetivos. A constância dos pensamentos e sentimentos formam o que denomino de padrão de energia. Há uma grande dificuldade em manter a constância vibracional dos pensamentos, fenômeno que cria o padrão de energia, elemento que oportuniza a materialização dos objetivos. Uma forma de resolver esta dificuldade é a Reprogramação Quântica do Ambiente Básico, uma técnica que utiliza dispositivos como catalizadores, que intensifica a egrégora dos pensamentos criativos, com efeitos muito eficazes. O ano que se encerra já é apenas história e o ano que se inicia é o palco do espetáculo. A inspiração dá a direção, o padrão de energia oportuniza as condições e você é o protagonista que, com muita atitude, irá conquistar novos resultados e um novo jeito de viver sua vida. Um ótimo ano a todos!

Gramado Summit 2018 projeta reunir 4 mil empreendedoreS

Eduardo Zorzanello, Marta Rossi e Marcus Rossi

Com a proposta de quebrar paradigmas na inovação no Brasil, está confirmado para os dias 8, 9 e 10 de agosto de 2018 a segunda edição do Gramado Summit, no Expogramado. Os organizadores projetam um crescimento superior a 200% em relação a primeira edição. O foco do evento é reunir startups inovadoras, investidores, grandes palestrantes e empreendedores de todo o Brasil. Entre os palestrantes já confirmados estão José Galló (Lojas Renner), Théo Orosco (Exact Sales), Eduardo Rodrigues (Exact Sales), Leandro Benincá (Conexão Startup), Rafael Ribeiro (ABStartups), Luciana Caletti (Love Mondays), Vitor Torres (Contabilizei), Allan Costa (Curitiba Angels), Guilherme de Bortoli (Orgânica Digital), Renato Mendes (ex-Netshoes), Rafael Martins (Share), Pedro Waengertner (Ace Aceleradora). “A primeira edição do evento superou as nossas expectativas. Atingimos mais de 90% de aprovação de todos os participantes. Durante 3 dias, proporcionamos uma verdadeira imersão no empreendedorismo digital. Para 2018, nos reinventamos por completo. Buscamos um novo espaço, para que possamos colocar mais de 5.000 pessoas. Vamos elevar a inovação e a disrupção para segunda potência, buscando gerar duas vezes mais negócios e mudar ainda mais vidas”, comenta o CEO Marcus Rossi. O prefeito de Gramado, João Alfredo de Castilhos Bertolucci anunciou que a parceria com o evento está mantida e fixada. “A primeira edição foi o início de uma transformação para Gramado”, destacou. Já o presidente da Gramadotur, Edson Nesplo, afirmou que a autarquia fará melhorias na Expogramado, local que sediará o evento. “Vamos repaginar o Expo e melhorar o local que fique pronto para a Gramado Summit e os demais eventos da cidade em 2018”, disse.


A Box 23, especializada em produção audiovisual, foi a responsável pela edição dos vídeos do Festuris Gramado, em parceria com a Expansão RS. Com foco em diversos segmentos, executam projetos como vídeos institucionais, fashion films, material audiovisual para eventos, mini docs, comerciais para web, videos promocionais, videoclipes, roteiros para cinema e TV.

Fotos: Divulgação

Box 23 FilMes no Festuris graMado

JURÍDICO TRABALHISTA Daniel Knieling

Especialista – Pós Graduado em Direito e Processo do Trabalho | OAB 49.109

daniel@knieling.com.br

ANÁLISE ESTRATÉGICA ANTES DE DEMITIR EMPREGADOS

Zero grau: tudo novo de novo

A agência de publicidade Y Ideas e a Merkator Feiras e Eventos dão mais um passo à frente na construção da marca e do conceito da Zero Grau. A feira lança as coleções outono inverno das principais fabricantes de calçados e acessórios do país. Depois de sedimentada junto aos públicos de interesse, a ordem agora é trabalhar para que a feira seja, cada vez mais, percebida como a principal plataforma de lançamentos do país para a temporada de clima mais frio. As cores azul e branco continuam predominando na estética trabalhada pela agência, mas a iconografia cede seu lugar ao visual fashion e o Z da marca ganha importância no contexto. O conceito “tudo novo de novo” indica a renovação que a feira traz para a moda, por meio dos produtos dos seus expositores. A primeira campanha da nova fase traz a modelo Daniela Stein, clicada por Hub Studio.

Mulheres no coMando de grandes eventos

A 34ª Oktoberfest e a Feirasul estão sob o comando de Andréia Mundstock e Celi Durante, respectivamente como presidente e vice-presidente de tais eventos, que ocorrem de 10 a 21 de outubro de 2018. A nova gestão foi apresentada no Salão Nobre do Palacinho, na Praça da Bandeira, em Santa Cruz do Sul. “Estamos muito felizes em colocar, pela primeira vez na história, duas mulheres para liderar este grande evento. É o reconhecimento de um trabalho voluntário de mais de duas décadas, sempre pautado pela dedicação, comprometimento e amor à festa”, destacou o presidente da Assemp, Léo Henrique Schwingel. Rodrigo Assmann/Divulgação

Na ânsia de reduzir custos, os empreendedores devem estar atentos a eventuais “armadilhas” que surgem, mas são perfeitamente previsíveis. Uma dessas armadilhas é demitir pessoal qualificado, especialmente demitir funcionários que tem alta produtividade. Muitas vezes os critérios de demissão são aleatórios que podem levar a situações até mesmo de aumentar os custos, em decorrência da falta de senso na hora da decisão. Além do custo altíssimo da demissão, como multas do FGTS, antecipação dos pagamentos de férias, 13º salário), aviso prévio indenizado (proporcional ao tempo de serviço), há a perda do investimento em treinamento e a transmissão da sensação de insegurança aos empregados que permanecem na empresa, o que pode afetar inclusive a produtividade. Ainda, ao demitir um funcionário que tem alta produtividade, os demais podem não “aguentar” as exigências de substituí-lo à altura e demandar “horas extras” para cobrir os serviços , o que é absurdamente caro (no mínimo, 50% a mais que a normal), além do que o cansaço do trabalhador fazerem desabar a produtividade sem contar o risco de acidentes de trabalho. Assim, pense bem antes de demitir alguém e só o faça por absoluta impossibilidade de outra opção e inda assim, siga o critério de demitir por competência senão… o prejudicado será seu negócio ou a sua empresa.

(51) 3036.2085

www.knieling.com.br

Rua Júlio de Castilhos, 405, Sala 1202, Centro | Novo Hamburgo/RS


RS CompoRtamento

RS Drops

Cris manfro acmanfro@terra.com.br

Plano de melhora Para o ano que vem

* Psicóloga clínica, terapeuta de família e mediadora familiar

108 ExpansaoRs.com.bR

e Schünke

recebem homenagem A Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Sul, condecorou com o título de Cidadão Santacruzense, o coronel Kurt Everton Werberich, e do presidente do Sinditabaco, Iro Schüncke. De autoria do vereador Edmar Hermany, coassinada pelo vereador Francisco Carlos Smidt, foi homenageado o coronel do 7º Batalhão de Infantaria Blindado (BIB), Kurt Everton Werberich. Hermany relembrou a caminhada do comandante. Ele foi promovido a comandante do 7º BIB em 30 de abril de 2017, quando estava servindo no Comando de Operações Terrestres (Coter), sediado em Brasília (DF). Aliás, em seu pronunciamento, o comandante se disse muito emocionado pela condecoração, que considera das mais importantes, além de elogiar muito a cidade. “Das mais belas do Brasil, além de ser muito acolhedora e de qualidade de vida impressionante”, destacou. “O tabaco corre em minhas veias e essa história começou em Candelária, em uma pequena propriedade, onde aprendi com meus pais valores importantes, como honestidade, respeito, solidariedade e o valor do trabalho. Foram eles também que me proporcionaram o conhecimento e a educação”, observou Iro Schünke. Ele também falou da importância da família e dos colegas de trabalho para a sua vida. “O meu reconhecimento a cada um de vocês por ajudar nesta trajetória. Sintam-se parte desta honraria que recebo hoje”, disse Schüncke. Divulgação

Qual é o meu plano de melhora? O que pretendo oferecer a mim mesma nesse ano que vai iniciar? Sem um plano de melhora muitas vezes você não sabe para onde ir e pode acabar dando tiros para todos os lados, algumas vezes não mudando nada. Pensando nisso pergunto a você: qual é o seu plano de melhora para este ano? Não me conte. Somente pense um pouco em você. Vale tudo! Pensar não ofende. Vale situações externas, internas e materiais, vale para o casamento, sobre pintar o cabelo, perder a barriga, voltar à estudar, fazer um curso, trocar algum móvel da casa, renovar as almofadas, ir ao dentista, fazer uma revisão médica, estar mais com a família, passear mais, comprar um cachorro, mudar de casa, enfim, tudo aquilo que possa fazer com que você sinta melhorar a sua vida. Pode ser em qualquer aspecto. E porque, não pensar em melhorar a vida de alguém? Acredito de verdade que você pode melhorar, melhorando a vida de alguém. Passamos grande parte do nosso tempo com queixas e muito pouco tempo com verdadeiras ações dirigidas a mudar aquilo que está ruim. Um paciente certa vez usou uma metáfora genial para falar do seu marasmo. Contou-me que ele se enxergava dentro de um tonel, destes de posto de gasolina, só que cheio de merda. Só com os olhinhos de fora, vendo as pessoas alegremente passarem e vivendo suas vidas, enquanto ele ficava ali, afundado na M. Então, por vezes vinha um rompante e ele pensava: é agora que saio daqui, vou viver minha vida e ser feliz, e num movimento brusco, levantava-se para sair. Nesse momento sentia um grande desconforto, uma sensação ruim, quase que de morte. Afinal, a merda, dizia ele, é quentinha, com o cheiro a gente acostuma e com o tempo até nem incomoda mais, assim afundava novamente. Entrava num processo de lamúrias, maldizendo a vida, os sócios, a mulher, a idade, o governo e assim, livre da responsabilidade de criar um plano intransferível de melhora, ficava ali, atolado. Como um coitado, vivendo na M., sentia-se sem condições de atuação. Desqualificado por si mesmo, afundava cada vez mais. A cada espera, a cada desistência, mais profundamente se afundava. Às vezes somos assim mesmo, precisamos que a M. chegue até o nariz, até não podermos respirar mais. O fato de perceber cheiro ruim nem sempre é motivo para buscar algo melhor. Esperamos nos sufocar. Dizem os pediatras que é comum, ao trocar as fraldas das crianças, elas logo sujarem a fralda novamente porque então a fralda fica morninha e mais confortável. Será que nós adultos somos como elas? Será que preferimos o conforto do morninho à dureza da limpeza? Afundaremos na dor, no ressentimento, na mágoa, na M. até chegar ao nariz ou traçaremos um plano de melhora? Trace um plano de melhora para você e sentirá motivação para o ano que inicia. Tenha atitudes e comportamentos que levem você mais perto do que quer e da felicidade.

Werberich


Fotos: Divulgação

Márcio Port, atual presidente da cooperativa

Tiago Schmidt (à esquerda de Márcio) e equipe da Sicredi

SICREDI PIONEIRA RS APRESENTA NOVO PRESIDENTE O atual presidente da Sicredi Pioneira RS, Márcio Port, anunciou aos presentes na Assembleia Geral Extraordinária da Central Sicredi Sul/Sudeste, que foi eleito vicepresidente da Central. Assim, em decorrência da exigência de dedicação exclusiva na nova atribuição, fez com que o conselho de administração da cooperativa Sicredi Pioneira RS, indicasse um de seus conselheiros para assumir a presidência até o término do mandato, em 2019. Atendendo ao Estatuto Social, o Conselho de Administração da Sicredi Pioneira RS indicou o conselheiro Tiago Luiz Schmidt como sucessor do mandato do presidente. A sucessão na Sicredi Pioneira RS ocorrerá oficialmente no mês de janeiro de 2018, quando o novo presidente, Tiago Luiz Schmidt assumirá o cargo. “Este novo desafio consiste na manutenção do atual modelo de gestão da Pioneira, que tem apresentado resultados econômicos e sociais relevantes para as comunidades, principalmente por ser um modelo que valoriza e promove a participação dos associados na gestão estratégica da cooperativa”, explica Port.

109


RS CRÔNICA Osvino Toillier osvino@sinepe-rs.org.br

O

Reforma luterana: marco histórico

s 500 Anos da Reforma Luterana é um fato histórico que ocupou todo ano de 2017, com extensa programação na Alemanha (onde ocorreu a publicação do manifesto do monge Martinho Lutero em 31 de outubro de 1517) bem como em todo o Brasil, país herdeiro das ideias da reforma luterana em consequência da vinda dos imigrantes alemães. Felizmente, a temática pode ser abordada hoje em dia sem radicalismos em decorrência da evolução histórica por conta da atitude dos líderes religiosos, que souberam superar a intolerância religiosa e conceber um tempo de entendimento após as rupturas que condenaram pessoas só por terem credo religioso diferente. Hoje, católicos e protestantes convivem harmonicamente, celebram eventos religiosos juntos, tanto em templos católicos quanto em igrejas luteranas, confessando suas crenças, respeitando diferenças dogmáticas, sem juízos, superando intransigências de outros tempos. Longe vai o tempo de hostilidades e confrontos, só por conta de ideias e convicções, sem olhar para o texto sagrado que prega o amor e o entendimento, para a superação de diferenças. Levamos séculos para que o ecumenismo pudesse ajudar a construir pontes sobre o radicalismo e unir crentes em um Deus Único que enviou Jesus Cristo para ensinar a todos, desde a simplicidade da manjedoura de Belém, a linguagem do amor e do perdão e nos tornar irmãos. Não podemos ter a pretensão de querer julgar outros tempos, mas entender os fatos num cenário histórico em que a Igreja Católica detinha poder político inquestionável e contra cujas práticas se revoltou o monge agostiniano Martinho Lutero, através das 95 teses, que ele pregou na porta da Igreja de Wittenberg, na Alemanha, em 31 de outubro de 1517. Este fato teve implicações não imaginadas pelo monge, que foi instado a se retratar, o que ele não fez, sendo então levado ao tribunal em Worms, perante o qual ele afirmou: “A não ser que eu esteja convencido pelo testemunho das Escrituras ou pela razão clara (pois não confio

nem no papa ou em concílios por si sós, pois é bem sabido que eles frequentemente erraram e se contradisseram) sou obrigado pelas Escrituras que citei e minha consciência é prisioneira da palavra de Deus. Não posso e não irei renegar nada, pois não é nem seguro e nem correto agir contra a consciência. Que Deus me ajude. Amém”. A partir daí, as ideias de Lutero se transformaram no movimento da Reforma, acolhidas por uns e combatidas por outros. Lutero foi excomungado pelo Papa, e a ruptura tornou-se irreversível. Estava criada a Igreja Evangélica de Confissão Luterana, que se expandiu mundo a fora, tendo seus pilares nos seguintes princípios: sola Scriptura – somente a Bíblia; sola Fide – somente a fé; sola Gratia – somente a graça; sola Christus – somente Cristo. Lutero teve posição radicalmente contra a venda de indulgências, que prometiam o perdão de pecados através de valores monetários, destinados à construção da Igreja de São Pedro, em Roma. As 95 teses repercutiramnão somente no aspecto religioso, modificando dogmas, mas na vida social, no matrimônio (ele mesmo casou com a ex-freira Katarina von Bora e com ela teve seis filhos), a educação, sustentando a importância de todos serem alfabetizados (para poderem ler a Bíblia), que ele traduziu para a língua alemã, enquanto estava recolhido no Castelo, protegido pelo imperador. As ideias de Lutero mudaram o mundo do século XVI e contribuíram para o humanismo renascentista, que colocou o ser humano no centro, superando o teocentrismo medieval, retomando a centralidade do amor de Deus pelo ser humano, com a clara concepção de “somos salvos pela Graça”. Finalmente, num texto do próprio Lutero, eis a síntese da concepção luterana: “Em fé e amor consiste toda a essência de uma vida cristã. A fé recebe, o amor dá de si; a fé leva a pessoa para Deus, o amor leva Deus para os homens; pela fé, a pessoa recebe benefícios de Deus; pelo amor, ela presta benefícios para os homens”.

Não posso e não irei renegar nada, pois não é nem seguro e nem correto agir contra a consciência. Que Deus me ajude. Amém”.

* Mestre em Educação e Vice-Presidente do SINEPE/RS

110 EXPANSAORS.COM.BR


Fotos: Gabrielle Pacheco/Divulgação

RS Drops

CVC VIAGENS INVESTE EM LOJA DE CAMPO BOM Sabendo do potencial de investimento em turismo, tanto nacional quanto para o exterior, que a região do Vale do Sinos e Paranhana possui, a CVC Viagens reinaugurou sua loja em Campo Bom. Agora localizado na Av. Independência, 395, o prédio faz parte do plano de expansão da diretoria, comandada pelo franqueado máster Adauto Serafim, juntamente com Vanessa Becker e Alessandra Serafim. De acordo com Adauto, “a reinauguração é a segunda a apresentar o novo layout das lojas CVC do Brasil inteiro”, sendo a primeira do ParkShopping Canoas. A agência conta, ainda, com um centro de treinamento (CT) completo, atendendo os mais de 120 funcionários espalhados por 17 lojas em cidades como Canoas, Sapiranga, Novo Hamburgo, Três Coroas e Montenegro.

ZEP_lanc-canoas-RevExp_MEIApag-21x14-PRINT.pdf

1

31/10/17

Adauto e Vanessa Serafim entre a equipe de Campo Bom

18:56

Agência passa a contar com CT para capacitar funcionários

Dê valor ao seu tempo e faça tudo num só lugar, una a qualidade da rede Zé Pneus Goodyear com a comodidade de um shopping parque. Somente a maior rede de Auto Center do Sul do Brasil poderia proporcionar essa “Experiência Única” pra você. AQUI VOCÊ ENCONTRARÁ:

A rede Zé Pneus Goodyear inaugura no ParkShoppingCanoas uma loja de conceito único, pensada para valorizar o seu tempo, com a qualidade e conforto que você já confia.

*Promovidos pelo ParkShoppingCanoas.

A LOJA

O V EEM B R O M

N

year d o o G r e t n e C o t u O1 A . l i s a r B o d g n i p p o em Sh 0

• Experiência Única em loja conceito; • Ambiente amplo e confortável; • Equipamentos de última geração; • Análise tridimensional de pneus; • Revisão gratuita em + de 30 itens; • Serviços e produtos da rede Zé Pneus Goodyear que você já conhece e confia; • Barbearia Big Boss Barber Club; • Espaço de lazer retrô; • Sorteio de carros importados e outros prêmios*; • Horário de atendimento diferenciado: 2ª a sábado das 10h às 22h e domingo das 14h às 20h.

Venha curtir essa Experiência Única. A MAIOR REDE DE AUTO CENTER DO SUL DO BRASIL.

ParkShoppingCanoas Av. Farroupilha, 4545 • Canoas/RS • Subsolo f /ZePneusRS • zepneus.com.br

111


RS SHOPPING

ParkShopping Canoas

Inovação e sustentabilidade em um empreendimento único

I

naugurado na noite de 23 de novembro, o ParkShopping Canoas lotou de visitantes, que puderam passear pelos 136.000 m² de shopping, composto por 264 lojas, nove âncoras e nove megalojas. Com um investimento total de R$ 750 milhões, sendo R$ 500 milhões da Multiplan, responsável pelo empreendimento, deve gerar aproximadamente 3.000 empregos diretos. Foi a maior oferta de emprego da região no último ano, sendo responsável por mais de 90% do banco de empregos de Canoas.

112 EXPANSAORS.COM.BR

Fotos: Vini Dalla Rosa/Divulgação

“A Multiplan é uma das maiores geradoras de empregos do país. Temos mais de 80 mil trabalhadores em nossos shoppings e somos responsáveis por uma enorme geração de renda e impostos”, explica o presidente da Multiplan, José Isaac Peres. Repleto de atrações, o ParkShopping conta com uma pista de patinação no gelo permanente, que pode ser adaptada em uma praça para eventos festivos. O shopping possui, ainda, uma praça de alimentação de 2.400 m², com um painel cinematográfico de LED instalado no pé direito, que exibirá vídeos, shows e jogos esportivos. Grandes âncoras nacionais estão presentes, como Renner, Lojas Americanas, Riachuelo, HotZone e Centauro. Entre as principais novidades está o Zaffari Supermercados, que terá sua primeira operação fora de um empreendimento próprio no Rio Grande do Sul, e a Forever 21, rede norte-americana de fast fashion que contava com uma única loja em Porto Alegre no BarraShoppingSul, e outras 15 no Brasil.


Lenara Petenuzzo/Divulgação Lenara Petenuzzo/Divulgação

EXPERIÊNCIA CINEMATOGRÁFICA

Outro destaque é o complexo cinematográfico gerenciado pela UCI. Durante a inauguração, como parte das comemorações de 20 anos da empresa, foi exibido o filme Liga da Justiça aos espetadores. As sete salas de cinema têm capacidade para 1.350 pessoas, além de trazer a Xplus, com projeção 3D de última geração, definição 4K em uma tela gigante, com 150 m², e som Dolby Atmos, que cria a ilusão de um campo de som infinito ao redor de cada espectador.

SUSTENTABILIDADE E ECONOMIA

O empreendimento foi desenvolvido e construído com foco na sustentabilidade e no baixo custo condominial, com destaque para a maior planta fotovoltaica já construída sobre um empreendimento na América do Sul. Numa área de 18 mil m², estão instalados 4.160 painéis fotovoltaicos com capacidade de produção de 1.3 megawatts. O empreendimento possui ainda 13 árvores com placa solares no estacionamento, sistema de reuso de águas pluviais, estação de tratamento de esgoto (ETE), luminárias com lâmpadas LED e utilização de vidros low-e, que reduzem o consumo de energia e do ar condicionado. Todas essas características já qualificaram o empreendimento para receber a pré-certificação do selo Leed, que reconhece o padrão de sustentabilidade do empreendimento.

OS NÚMEROS:

Área do terreno: 93.600 m2 | Área de construção: 136.066 m2 | ABL (área bruta locável): 48.000 m2 Número de lojas: 264 | Número de âncoras: 9 | Número de megalojas: 9 Supermercado: 1 | Estacionamento: 2.500 mil vagas, sendo 1.500 cobertas Cinema: 7 salas stadium | Restaurantes: 8 operações | Fast-foods: 26 operações com 1.100 lugares Centro de Eventos: 2.400 m2 e capacidade para até 1.200 pessoas Escadas rolantes: 16 | Elevadores: 10

113


RS premiação

Noite de gala para personalidades e destaques do Estado FCDL-RS reuniu líderes políticos e do setor empresarial no Hotel Plaza São Rafael para entrega de Mérito Lojista

E

m noite de comemoração para o comércio, personalidades e destaques do Rio Grande do Sul, a Expansão RS recebeu o Mérito Lojista, na categoria Revista Regional, pelo décimo ano consecutivo. Nove personalidades agraciadas e 34 empresas receberam a homenagem.

114 ExpansaoRs.com.bR

Fotos: João Alves/Divulgação

A solenidade ocorreu no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre, e contou com a presença do governador José Ivo Sartori. A premiação é considerada o Oscar do comércio gaúcho, pois reconhece personalidades e empresas que contribuíram para o desenvolvimento do varejo do Estado.


Presidente da FCDL-RS, Vitor Augusto Koch

Chegada do governador José Ivo Sartori

Premiados com o Mérito Lojista

Ana Maribel Pacheco, diretora da Expansão RS

O RECONHECIMENTO DO VAREJO GAÚCHO O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul (FCDL-RS), Vitor Augusto Koch, saudou a retomada do desenvolvimento no setor elogiando o trabalho feito pelos empresários gaúchos. “O varejo do Rio Grande do Sul foi exemplo para o Brasil e é um fato a ser comemorado. Foram três anos de recessão e empobrecimento pela política errônea adotada no país. Apesar disso, o varejo reagiu. O comércio conseguiu, em 2017, estagnar e equilibrar o fechamento de lojas”, discursou.

Neste ano, a FCDL-RS está comemorando 45 anos, por isso, após o discurso de abertura, houve um brinde especial. Aliás, durante a noite também foram entregues distinções para empresas que completaram diferentes ciclos no QComércio. Com seis anos de existência, o programa já impactou, de forma positiva, no Rio Grande do Sul, mais de seis mil colaboradores, de mil empresas. Entre os dados que se destacam do programa, cerca de 67% dos empreendimentos participantes aumentaram a sua lucratividade.

115


RS GLAMOUR Lu Larré ehventus@gmail.com Fotos: Asaph Ximenes/Divulgação

Momento inspirador

marca a vida dos noivos O casal Henrique Fonseca (24) e Thais Kühnrich (27), contam como foi a realização do grande pedido de casamento

E

u e o Henrique nos conhecemos em 2009, na igreja. Desde o primeiro olhar, um já viu algo de diferente no outro. Porém, ficamos sendo só amigos, pois ele achava que eu nunca iria querer nada com ele. Entre 2012 e de 2013, eu morei fora do país e ele também viveu a vida dele. Nesse meio tempo, pouco nos falamos. Quando retornei que as coisas começaram a acontecer. Começamos a namorar em 7 de fevereiro de 2014 e noivamos no dia 22 de janeiro de 2017. No dia 7 de novembro, completamos três anos e nove meses juntos. Um dia antes, no dia 21, ele mandou uma mensagem falando que eu deveria estar pronta às 3h da manhã, pois iríamos sair para um passeio. Eu achei que era brincadeira, pois quem sai para passear às 3h da manhã, né? Mas ele insistiu tanto que acreditei. No horário

116 EXPANSAORS.COM.BR

combinado, eu estava pronta e ele chegou pontualmente lá em casa. Iniciamos uma viagem com muito suspense. Eu não sabia para onde estávamos indo. Não sabia se era serra, litoral ou interior. Eu realmente não fazia ideia. Foi difícil escolher uma roupa sem conhecer o destino. A dica que ele me deu foi que um vestidinho e uma rasteirinha seria o suficiente para eu me sentir bem. Segui a orientação. Em um determinado ponto, ele colocou vendas nos meus olhos para eu não poder ler as placas da estrada e não saber aonde estávamos indo, e tive que usar fones de ouvido, com música alta, para não escutar as combinações e os sons ao redor. Quando chegamos em Torres, ele estacionou o carro em um posto de gasolina para encontrar com o guia. Ele me deixou

tirar os fones para conversar com o rapaz, mas não a venda. Ao sair, ele deixou a porta do meu lado do carro aberta e eu senti, com a brisa, o perfume da minha mãe passando por mim. Dessa maneira, eu fiquei sabendo que meus pais estavam ali também. Eu tremia muito e lacrimejava. Já sabia o que iria acontecer. Eu disse “Oi, mãe” e ela respondeu “Oi, minha filha” de forma muito carinhosa enquanto passava a mão pelo meu queixo. Depois saiu sem falar mais nada. Chegamos lá antes das 6h da manhã, pois a ideia era assistir ao nascer do sol lá de cima. Quando chegamos no lugar certo, o Henrique me ajudou a descer do carro e me guiou até o local. Mesmo com os fones, eu escutava um barulho muito alto, que não conseguia entender o que era. Mais tarde, entendi que era o som do gás enchendo o balão. Quando


tirei os fones de ouvido e a venda, vi o balão deitado, sendo enchido. Ao olhar para o outro lado, vi que toda a minha família (mãe, pai, irmão e cunhada) e a família dele (mãe, pai, três irmãos e duas cunhadas) estavam ali também, além do fotógrafo e do assistente. Não deu para conter as lágrimas, foi muito emocionante. O dia estava amanhecendo. Fizemos algumas fotos dentro do balão deitado e depois entramos no cesto para iniciar o voo. Lá em cima, dava para ver o sol nascendo por trás da silhueta dos prédios, refletindo no mar. Foi muito lindo. E, lá de cima, ele fez o pedido. E eu aceitei! Como o espaço dentro do cesto era apertado, ele ajoelhou “como se deve” só quando aterrizamos (risos). O guia do balão filmou fazendo uma transmissão ao vivo do pedido no Facebook da empresa de voos.

As pessoas de outros balões também tiraram fotos. Gerou uma curiosidade das pessoas ao redor. Ficamos cerca de 40min voando, mas para mim pareceu só 10min. Passou muito rápido. Quando descemos, brindamos com a família. Ao chegar em casa, à tarde, vimos que a notícia já havia se espalhado. Muita gente já estava sabendo do pedido, então não deu pra segurar a novidade por muito tempo. Iremos nos casar dia 16 de dezembro, na Sociedade Hípica de Porto Alegre.

117


RS EVENTOS, DICAS E FATOS Patrícia Rosa |

Blog

Promotora de eventos

pr.eventos@hotmail.com

eventosdicasefatos.com.br Marlon Soares/Divulgação

Algumas das convidadas que curtiram até o último minuto da festa

Simone Leite, Presidente da Federasul, palestrou no Momento do Empreendedor da ACIST-SL, com o tema A força produtiva precisa tomar seu espaço político. Ressaltou os cinco mantras da Federasul, “nós adotamos uma linha de conduta nas atividades da Federasul, que destaca a energia empreendedora e o renascimento da política”, afirmou Simone. O presidente da ACIST-SL, Leandro Hilbk, prestigiou o evento, juntamente com o vicepresidente da Federasul, Rodrigo Souza. Fotos: Divulgação

Margaret Pimentel e Anajara Kovalski

Casamento

Lu Barcellos/Divulgação

Leandro Hilbk, Simone Leite e Rodrigo Souza

Elizabeth Renz/Divulgação

Federasul

118 EXPANSAORS.COM.BR

Eduardo Oliva, Jonver Bonini e Gustavo Justo

Camila e Tais Gomes

ário

A Oliva Construções iniciou mais uma bela obra em São Leopoldo, o Residencial Tênis Clube. Para brindar o empreendimento, promoveu dois eventos de lançamento, reunindo clientes e amigos no Lounge Oliva, construído dentro do clube para as recepções.

Angelita Rosa, Jenaina Gaudert, Angélica Nery, Letícia Meine e Pitty Beurmann Fábio FábioWinter/Divulgação Winter/Divulgação

Oliva

No dia 4 de dezembro, lancei o blog Eventos, Dicas e Fatos, no Villa Antonietta, num clima tropical! Para coroar com êxito esse projeto, a Expansão RS me convidou para trocar ideias também com vocês. A partir de agora, mensalmente, compartilharei muitas experiências aqui. Agradeço a todos os convidados que prestigiaram e apoiaram o evento e à revista pela confiança.

Anivers

Alessandra Dias e Rodrigo Torman

Lançamento

Alethea Gerem

ia

Em comemoração ao primeiro ano do Es Estúdio de Cocriação Alethea Geremia, no dia 11 de dezembro, ocorreu o 1º Leilão Baba de Moça, no hall de entrada do Platinum Executive Center. A anfitriã, Alethea, recebeu muitos convidados especiais e cada um recebeu um cartão de crédito personalizado para dar o lance inicial. Parabéns pelo aniversário e sucesso!

O jovem casal leopoldense Manoela Heinrichs e Leonardo Fratti Neves uniram-se pelo laço matrimonial com a cerimônia da areia no M. Garden Grill, em Novo Hamburgo. Felicidades!


119


RS COMEMORAÇÃO

Expansão Noivas é sucesso

Descontração e vestidos lindos marcaram o evento de comemoração da sétima edição do anuário Expansão Noivas. Reunindo cerca de cem convidados, entre parceiros e amigos, a celebração ocorreu no Grande Hotel Canela, com uma gastronomia deliciosa e muita alegria! Um desfile de vestidos de noivas incríveis marcou o evento. A estilista Alessandra Dias, da Organze Noivas e Festas, trouxe uma de suas criações para exposição; já Letícia Teixeira vestiu Ana Luísa Sost, com um modelo festa e outro noiva, arrancando suspiros; já a Miss Ilha da Pintada CNB 2017, Monalisa Menezes, desfilou um luxuoso vestido de Inês Noivas Eternity.

nze Orga

Inês N

oivas

s Noiva

120 EXPANSAORS.COM.BR

Fotos: Neia Dutra/Especial


121

LetĂ­cia Teixeira


RS de A a Zita

Feliz Natal! Feliz aNo Novo!

Que venham repleto de coisas boas. É tempo de renovação, então, vamos buscar. É tempo de agradecer, porque Deus é conosco. Que venha o Natal, cheio de bênçãos, e 2018 com tudo de bom para todos nós! afinal, como bons brasileiros, não desistimos nunca.

Zita Pereira zitapereira@revistaexpansao.com.br

Reduto de arte e cultura

Hamburgo Velho aumenta sua fama de bairro cultural e turístico, com a inauguração do Atelier Ariadne Decker. Fundação Scheffel, Casa Schmidt Presser, Brique na Estação e a Hamburgerberg Fest são alguns dos famosos atrativos. Agora, com o atelier, vai ganhar mais movimentação ainda, com as exposições permanentes das obras da artista, além das aulas ministradas pelo também artista plástico Marciano Schmitz, Daniel HDR e por Ariadne. A mostra As Escolhas de Ariadne e do novo tema Multidões, que há pelo menos uma década vem sendo visto e trabalhado pela artista, fez a estreia do espaço. O resultado disso é uma mescla de tudo. Segundo a artista, “somos uma multidão de seres únicos, exclusivos, e, como tais, contribuímos para o conceito do todo”. Esta é ela: única!

Prata da casa: ela é prata, é ouro e é nossa e, enfim, abre um espaço para expor seu talento e ensinar sua arte

A tAçA é deles

Luís Henrique Poersch e os irmãos João e Francisco Schmidt, que integram o time de punhobol da Condor, de São Bento do Sul (SC), foram disputar o Campeonato Sul-Americano, em Guatambu, na Argentina. O cobiçado título estava sendo esperado desde 1993. E o timão, composto por outros craques catarinenses, que têm como técnico o competente Valdir Simione, bateram o recorde. A taça levou o técnico as lágrimas. Ele lavou a alma depois de 24 anos de espera e São Bento entrou para a história com esta vitória. Sou fã do time e dele. Valdir é the best! Para completar a fase vitoriosa, Luís Henrique tirou nota máxima no trabalho de conclusão do curso de Odontologia, com indicação a publicação para futuros estudos da área. Aluno nota 10: o promissor dentista com os professores Darlene Gerzson, Alexandre Gerzson e Sérgio Velázquez

Junior: a liderança está no DNA

subindo ubindo de posto

Carlos Gabriel Junior é novo presidente da Ajorsul. Eleito em noite recente, o dono da Marlos Comércio e Representação Ltda., vem de uma família de joalheiros que está no ramo desde os anos 70. O presidente já foi diretor e por duas vezes vice-presidente da Associação do Comércio de Joias, Relógios e Óptica do Rio Grande do Sul.

122 ExpansaoRs.com.bR


Divulgação

Angelo Roberto Justen e Susana Dahmer

Elisabeth Cunha e Luiz Cunha

Oswaldo Portella, Stela Gusmão e Luiz Fernando Gusmão

Coleção de luxo Alegria entre amigos: jantar marcou a noite dos pais da Escola Duque de Caxias

Reencontro

Marta Helena e José dos Santos, junto da filha Marina Morena, organizaram jantar festivo em sua casa, em Sapiranga, para marcar o quarto encontro de pais e filhos da Escola Duque de Caxias. Foi momento de confraternização e de colocar a conversa em dia. A noite se estendeu entre brindes e muita animação.

O lançamento da coleção verão da Vanity, a joalheria de Oswaldo Portella, que ocupa nobre espaço em Novo Hamburgo, foi encontro de gente sofisticada, tal qual as peças. A elegante Sandra Scholles recebeu, junto com Oswaldo, para apresentarem as joias em pérolas, ouro e outras pedras de lapidação única. A coleção da Brumani foi o destaque da noite, que reuniu extensa lista de VIPs e chiques. A loja e os clientes são do mesmo nível e a fama da Vanity traz para a cidade colecionadores e entusiastas por acessórios de luxo ímpares!

Vem chegando o verão

Férias, sol e mar são pensamentos conjunto da gauchada. O litoral está a nossa espera para mais uma quente temporada. Pés na areia, corpos a mostra e ao mar, cervejinha gelada e, por que não um espumante Aurora, animados bate papo sob o sol e a olhar o vai e vem das ondas, junto a amigos queridos, fazem desta estação a mais bela do ano. O verão é cativante. Reúne, agrega e a felicidade aflora, tão cintilante quanto o sol. Amo o verão!

O dia foi todo dela: a bela aniversariante entre seus três amores, Gustavo, Rafael e Carolina

Brindes no litoral

Sinara Poersch esteve de aniversário e recebeu amigos e familiares em chique condomínio, em Atlântida, no litoral gaúcho. O encontro, na hora do almoço, marcou os 6.0 da bonitona, diretora da Apae de Estância Velha, mãe orgulhosa de três dentistas e feliz avó de dois guris, Theodoro e Pedro.

Tudo para cima

Ah! E ainda tem os biquinis com efeito drapeado para levantar o bumbum. É o hit da temporada. E dá para dar uma boa enganada. Comprovei quando vi o lançamento, em julho, no Rio de Janeiro. Aprovei!

?ȇ‫׸ױװײ‬ٚȜʂɟƐٚ ȇǓɟɬʂɏƐٚǓȌʟƐȌɬƐٚ ƐʫɆƐɏǓȇƐȌɬƐٝ 1ƐɟƐǧňȇȜɟňɬȜžȜɟ ʂȇȌȜʟȜňȌȜžƐ ŴȜȌɋʂǓɬňɟƐɏƐňǵǓʹňŷɁƐɟٝ

$Ȝňɟ[Ɛɟɬňɟٝ

RUA JOÃO ANTONIO DA SILVEIRA, 409 • CENTRO • NOVO HAMBURGO • FONE (51) 3224.4547 • CONTATO@BECKERESANTOS.COM.BR • OAB/RS123 3.201


RS De A a Zita Mensagem de Natal

‘’O Natal costuma ser sempre uma ruidosa festa, entretanto, se faz necessário o silêncio, para que se consiga ouvir a voz do Amor. Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que deus penetre em sua alma. O pinheiro de Natal é você, quando com sua força resiste aos ventos e dificuldades da vida. Você é a decoração de Natal, quando suas virtudes são cores que enfeitam sua vida. Você é o sino de Natal, quando chama, congrega, reúne. A luz de Natal é você, quando com uma vida de bondade, paciência, alegria e generosidade consegue ser luz a iluminar o caminho dos outros. Você é o anjo do Natal quando consegue entoar e cantar sua mensagem de paz, justiça e de amor. A estrela-guia do Natal é você, quando consegue levar alguém ao encontro do Senhor. Você será os Reis Magos quando conseguir dar, de presente, o melhor de si, indistintamente a todos. A música de Natal é você, quando consegue também sua harmonia interior. O presente de Natal é você, quando consegue comportar-se como verdadeiro amigo e irmão de qualquer ser humano. O cartão de Natal é você, quando a bondade está escrita no gesto de amor de suas mãos. Você será os ‘’votos de Feliz Natal’’ quando perdoar, restabelecendo de novo, a paz mesmo a custo de seu próprio sacrifício. A ceia de Natal é você quando sacia de pão e esperança, qualquer carente a seu lado. Você é a noite de Natal quando consciente, humilde, longe de ruídos e de grandes celebrações, em silêncio, recebe o Salvador do Mundo. Um Feliz Natal a todos que procuram assemelhar-se com esse Natal.’’ (Papa Francisco)

União Brasil e França

Ana Emília Poersch e Romain Le Pape protagonizaram uma das mais belas festas de casamento do ano, na Sociedade Ginástica. O noivo, francês, e a engenheira hamburguense, já haviam casado na França e agora reforçaram os laços com a oficialização no Brasil. Um jantar categorizado fechou com o paladar apurado dos convidados. Com cerimônia e festa no Res-

taurante dos Espelhos, Ana, linda, desceu as escadarias de braços dados com o orgulhoso pai, Vitor Hugo, e sob o olhar emocionado da mãe, Lia. A decoração, cheia de detalhes trazidos da França e sob a assinatura de Janir Wermann, fez toda a diferença. A festa se estendeu até de manhã,

regada a champagne francês vindo da terra do noivo. Casamento tipo cigano, foram três dias de festa. A lua de mel também foi no mesmo estilo, os pais do noivo, Danielle e Phellippe Le Pape, os convidados franceses, os pais da noiva, o irmão da noiva, Carlos Eduardo, os tios da noiva, mais Liana e Sergio Lammel, viajaram junto para Natal. De volta a Paris, Romain assumiu seu posto nos cafés que têm nas cercanias da Torre Eiffel e no Arco do Triunfo, na Champs-Élysées. Amor além das fronteiras: Brasil e França num só coração uniram Ana e Romain e os pais aprovaram e compartilham da felicidade de seus herdeiros

124 EXPANSAORS.COM.BR Fotos: Divulgação


Parceria internacional

Gustavo Veiga/Divulgação

Durante o Festuris, que aconteceu mês que passou no Serra Park, em Gramado, um grupo composto por personalidades de diversas áreas, esteve visitando o estande do Ministério de Turismo do Uruguai. Alexandre Gehlen, diretor presidente da Rede Intercity Hotéis; Josiano Schmidt, presidente do Conselho Gramadotur; Rodrigo Teixeira, diretor da Fisch TV; Cristian Pros, diretor de Projetos do BID e Ministério do Turismo do Uruguai; Martha Aldunate, representante do Ministério de Turismo do Uruguai no Rio Grande do Sul e Alejandro Malo, RP e assessor de imprensa do Ministério de Turismo do Uruguai no estado, foram personas gratas, recebidas com espumante no espaçoso ambiente montado para expor as beleza e as maravilhas do país vizinho.

Cena de amor: Gramado, cenário do Festival de Cinema, foi palco do casamento de Camila e Diogo

Casamento em Gramado

A Igreja Evangélica Luterana de Gramado foi o cenário do sim de Camila Renner e Diogo Erdmann Valls. Depois da cerimônia, o novo casal recebeu junto com seus pais, Ivan Renner e Sônia Maria e Carlos Mário Comaru Valls, no Alphaville Gramado, para uma elegante comemoração, que se estendeu em danças até altas horas. Os cumprimentos foram gerais: aos noivos, à recepção e a bela decoração.Tudo um luxo!

Intercâmbio: o grupo esteve reunido para expor as belezas do Brasil e Uruguai e viabilizar o turismo entre eles

125


RS De A a Zita

EntrEmAlhAs Em fEstA com sEus 30 Anos Celebrando 30 anos de muito sucesso, a Entremalhas reuniu seu time para uma festa animada, no início de dezembro! O Salão Nobre da CDL-NH lotou, contando com a presença dos diretores, os irmãos Jacqueline e Edésio Fuga, juntamente com os respectivos filhos, Juliana e Eduardo e Laís, além de funcionários, clientes e parceiros. Diversas homenagens marcaram o evento, emocionando os convidados e relembrando a história da empresa.

126 ExpansaoRs.com.bR

Fotos: Conrado Freitag/Divulgação


A maior loja de tecidos da regiao fazendo a moda ha

1991

1995

2005

2017

Rua JosĂŠ do PatrocĂ­nio, 858 | NH (51)3594-5027 | (51)3595-3034 www

www.entremalhas.com.br

Entremalhas


RS De A a Zita

128 ExpansaoRs.com.bR

Fotos: Conrado Freitag/Divulgação


RS De A a Zita Dr. Jorge Nienow, Dr. Jorge Oliveira, Dr. Jeferson Vieira, Dra. Lisiane Vieira, Dra. Patricia Martins, Dr. Nassir Taha e Dr. Gerson Birk, sócios fundadores recebendo homenagem da SFVS

Noite de homenagens e comemorações

O jantar de aniversário da Sociedade de Fisioterapia do Vale do Sinos comemorou os 15 anos da entidade idealizada por Gerson Birck, o homenageado da noite, junto com Jorge Nienow, por sua dedicação em defesa dos direitos e interesses da Fisioterapia. Houve, também, homenagem honrosa aos sócios fundadores da SFVS. Nassir Taha, o atual presidente, a vice-presidente Christiane Zapelini, Elaine Daltoé e Lisiane Chaves Vieira, foram os organizadores da festa dos fisioterapeutas. Fernando Prati, presidente do Crefito-5, entidade máxima do Rio Grande do Sul, foi presença destacada no elegante evento, que teve como sede o restaurante do Hotel Swan Tower. Fotos: Divulgação Rodrigo Farias/Divulgação

Dra. Elaine Daltoé, diretora do Departamento Social da SFVS, conferindo homenagem de reconhecimento ao Dr. Jorge Nienow pela sua atuação política

130 ExpansaoRs.com.bR

Dra. Christiane Zapelini e Dr. Nassir Taha, Vice-Presidente e Presidente da Sociedade de Fisioterapia do Vale dos Sinos

Dr. Gerson Birk, idealizador da SFVS, recebendo homenagem da entidade pela Dra. Elaine Daltoé, diretora do Departamento Social

Dra. Elaine Daltoé, Dr. Jorge Nienow, Dr. Jorge Oliveira, Dr. Jeferson e Dra. Lisiane Vieira, Dra. Patrícia Martins, Dr. Nassir Taha, Dr. Gerson Birk e Dra. Christiane Zapelini


131


RS De A a Zita

Promessa de sucesso

St Produções/Divulgação

Vitor Rosa/Divulgação

Tauana Bartikoski, a bela filha de Márcia e Edgar Bartikoski, acaba de se formar em Engenharia Civil pela Unisinos. Tão inteligente quanto bonita, certamente entrará para a lista de profissionais conceituados do ramo. Na noite de 20 de janeiro, ela terá a merecida comemoração pelo feito, de acordo com o nível da nova engenheira.

Uruguai e Brasil unidos pela TV

Enfim: o grande dia de Bianca e Geison

Comprometimento com a felicidade

Bianca Soares e Geison Ferreira casaram na Igreja da Piedade, em Hamburgo Velho, com recepção para grande número de convidados que aplaudiram os noivos e seu novo estado civil. Em meio ao jantar assinado pela Gastromundi, e elogiada decoração feita por Magalli Schaefer, a noite se estendeu em danças no Espaço Tao, com o DJ Fischer comandando as carrapetas. Inesquecível, a esperada ocasião do sim foi marcante. E o casal, como nos contos de fadas, prometeram ser felizes para sempre.

Flávio Jeckel, juiz do trabalho aposentado e advogado, reuniu grupo de amigos no Café Avenida para comemorar seu aniversário. Em meio a comes e bebes e conversas de alto nível, todos elogiaram a postura do aniversariante e sua participação na comunidade hamburguense. Pessoalmente, sou sua fã.

132 EXPANSAORS.COM.BR

Gabriel do Espírito Santo/Divulgação

Palavra de juiz

Alto nível: o apresentador foi prestigiado por nomes de peso

Alejandro Malo, figura conhecidíssima na região, agora passa a ter o programa Entre Amigos na Band TV, todos os sábados, às 10h, e na Band News, com o Happy Hour. Para a alegria dos gaúchos, que tem o Uruguai como um dos principais destinos nas férias, a Band TV vai estar com um espaço no Enjoy Conrad Punta del Este, de onde vai transmitir todas as novidades deste verão. Na noite de 5 de dezembro, Alejandro Malo, o Governo do Uruguai e a direção da emissora receberam inúmeros convidados para comemorar essa nova etapa.


133


RS De A a Zita

Natália Fischer mais uma vez superou as expectativas de seus clientes e amigos ao preparar a segunda edição do Fischer Concept, na qual contou com a assessoria de Gelaina Barbieri para surpreender e cativar o seleto grupo de convidados. O evento trouxe noivas, debutantes e formandas à clínica, divulgando serviços para tornar o grande dia ainda mais glamouroso e belo. O sucesso do evento se deu em parceria com Micheli Carvalho, Bianca Rodrigues, Vanity Joias, Carol Machado e CliniShape.

134 EXPANSAORS.COM.BR

Fotos: Aglaé Klein/Divulgação

Noite de glamour e beleza




2(9(172,1,&,$­6+((1&(55$­6+'$0$1+®

āĻįÀíğPĥį '(08,7$)2/,$

Ʋa

2 ƨaƲ2

łg  2 g

Ʋ_  Ʋ  ¤œaƲ2

ƲŁ 2ƶœŁgœ_ –õŸ—óõ¢ôœó£žž ,QJUHVVRVQR&OXEHHQRVSRQWRVFUHGHQFLDGRV_&DPDURWHVH0HVDVVRPHQWHQD6HFUHWDULDGR&OXEH 5($/,=$d®2

$32,2

&HOX] *UXSRV*HUDGRUHV

 


Duas DécaDas De granDes resultaDos A Unicred Região dos Vales comemorou, com pompa e circunstância, os 20 anos de atividades. O jantar reuniu classe médica e convidados parceiros da entidade no salão de festas do suntuoso Hotel Swan Tower. A cozinha, agora sob o comando de Irio Watte, e o cardápio foram fartamente elogiados. Com clássica decoração e música de Leonardo Selbach, que fez fundo ao jantar e abriu a pista de danças, a noite se estendeu ao som de DJ, e ninguém ficou parado. Entre homenagens e reconhecimentos a quem caminhou com a entidade nestas duas décadas, a noite foi de confraternização. Sempre elegante, o presidente Paulo Luiz Rech assumiu o microfone elevando a todos que contribuíram para o crescimento da Unicred, cujo primeiro mandato, em 1997, teve o próprio como diretor presidente, Gilson Kern como diretor administrativo e César Vianna como diretor financeiro. Os três médicos foram os mentores da Unicred Região dos Sinos. Aplausos a eles pela iniciativa e pela grandiosa festa.

Hugo Rogério Alves de Oliveira, Dr. Paulo Luiz Rech, Dr. Gilson da Silva Kern e Dr. César Vianna

Dr. Hélton Fr Bavaresco e V eitas, Gisele iviane Matzena uer

Fundadores: Dr. Carlos Danton Seixas e Keil, Dr. Paulo Luiz Rech, Dr. André Kruse, Dr. Renato Brufatto Machado, Dr. César Vianna, Dr. Jorge Roberto Azambuja Santos, Dr. Gilson da Silva Kern, Dr. Carlos Simquevits, Dr. Rubens Castelan, Dr. Walter Theobaldo Kich, Dr. Roberto Neves Berwanger e Dr. Hélio Rist Dias

Pedro Írio Fagudes, Cladir Weber, Dr. César Vianna, Josué Biaccki Piccini, Maria Do Carmo Silva Piccini, Gustavo Saltiél

Dr. Gilson da S. Kern, Sra. Lory Gladis Rech, Dr. Paulo Luiz Rech, Sra. Livas A. da Silva Kern

Diogo Marilio Martins , Edna Thaís Geremias Martins, Carla Martins, Dr. Dirceu Marilio Martins Filho, Dr. Roberto Rick Martins e Fátima Regina Martins Verte

Viviane Matzenauer, Dr. Paulo 136 ExpansaoRs.com.bR Luiz Rech e Suziane Schmitt

Dr. Paulo Luiz Rech, Hugo Rogério Alves de Oliveira e Anelise Staudt Buchmann

Luis Carlos Galleano de Melo e Dr. Paulo Luiz Rech

Dr. Samir El Ammar e Dr. Paulo Luiz Rech

Maysa Bonissoni


Rafael Atz/Divulgação

Um ciclo que se encerra

Chega ao fim mais um ano e com ele a renovação da esperança, de dias melhores, de uma vida melhor, de um mundo melhor e mais justo. Que a justiça seja feita com tanta roubalheira que fizeram neste país. E que, como nos contos de fadas, o final de tudo seja feliz, muito feliz. É o que desejamos e merecemos!

Folia em dois tons

Falando em festa, depois de toda a correria de fim de ano, as coisas dão uma acalmada, mas depois esquenta de novo, com o Carnaval. Por aqui, o Vermelho & Branco já está em pauta e a noite de 9 de fevereiro vai fazer a Sociedade Ginástica estremecer. As vendas para os lotes promocionais começaram no início de dezembro. A 35ª edição será embalada pelas bandas Cia Show 4 e Caravelli, além de DJ. Serão 12 horas de folia ininterrupta. Terá também pista alternativa #FICACOMIGO e espaço VIP Red Carpet, além de outros dez blocos carnavalescos. Não à toa, o V&B ganhou fama e foi eleito o maior baile de carnaval do Estado. Tá dada a dica. Corram e comprem seus ingressos para não perder o rebolado!


RS Arte

EDU ZUCHI

(51) 992-361-619 (WhatsApp) Fanpage e Instagram: Edu Zuchi

138 EXPANSAORS.COM.BR


139


s

d a n d o a li

MAIS UMA VEZ O SINODAL o CONQUISTA O 1 LUGAR NO ENEM ENTRE AS ESCOLAS PARTICULARES GAÚCHAS.

São Leopoldo - Portão - Em breve

de

con

CONFIRMADO!

o li

ra n ç

a

N

º

ENEM o n 1

Expansão RS | Edição 214 - Dezembro e janeiro/2017.2018  

Dezembro é um mês de reflexão, sobre como foi o nosso ano e, a partir disso, como podemos melhorar para que o ano que vem seja ainda mais in...

Expansão RS | Edição 214 - Dezembro e janeiro/2017.2018  

Dezembro é um mês de reflexão, sobre como foi o nosso ano e, a partir disso, como podemos melhorar para que o ano que vem seja ainda mais in...

Advertisement