Page 1

Revista

Pará+ BELÉM-PARÁ

WWW.PARAMAIS.COM.BR

ISSN 16776968

EDIÇÃO 197

R$ 8,00

FÉRIAS NO PARÁ VERÃO SAUDÁVEL SALINAS PARK RESORT Capa 197 2.indd 1

20/07/2018 17:10:17


www.paramais.com.br

GUIAS PARA+.indd 14

Parรก+

14

19/07/2018 16:37:39


www.paramais.com.br

GUIAS PARA+.indd 14

Parรก+

14

19/07/2018 16:39:50


197 - JULHO - 2018

MONUMENTO NATURAL ATALAIA, EM SALINÓPOLIS

06

Pará+

Revista

N E S TA E D I Ç Ã O

PUBLICAÇÃO

Editora Círios SS Ltda CNPJ: 03.890.275/0001-36 Inscrição (Estadual): 15.220.848-8 Rua Timbiras, 1572A - Batista Campos Fone: (91) 3083-0973 Fax: (91) 3223-0799 EDITORA CÍRIOS ISSN: 1677-6968 CEP: 66033-800 Belém-Pará-Brasil www.paramais.com.br revista@paramais.com.br

ÍNDICE

A REGIÃO NORTE RECEBE O PRIMEIRO EMPREENDIMENTO DE MULTIPROPRIEDADE

10

“SE EXPONHA, MAS NÃO SE QUEIME”, OU VERÃO LARANJA, PARAENSE

DIRETOR e PRODUTOR: Rodrigo Hühn; EDITOR: Ronaldo Gilberto Hühn; COMERCIAL: Alberto Rocha, Augusto Ribeiro, Rodrigo Silva, Rodrigo Hühn; DISTRIBUIÇÃO: Dirigida, Bancas de Revista; REDAÇÃO: Ronaldo G. Hühn; COLABORADORES*: Alessandra Nogueira, Anete Costa Ferreira, CRMV-SP, Dilermando Gadelha, Embrapa Hortaliças-DF, FMUSP, Graça A. Farmes, NDays, Ronaldo Hühn, SBACV , SBD, Tatiana Gabbi, Karen Feldscher; FOTOGRAFIAS: Ascom Setur/ Divulgação, Divulgação, Carlos Sodré , Geraldo Ramos/Arquivo Paratur, Cristino Martins, Rodolfo Oliveira / Ag.Pará, Fernando Sette-Comus, Health Feldscher, Paula Rodrigues, SBACV, SBD; DESKTOP: Rodolph Pyle; EDITORAÇÃO GRÁFICA: Editora Círios * Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores.

C A PA

13 RISCO DE DOENÇAS VASCULARES AUMENTA DE 20% A 30% NO VERÃO

25 OPÇÕES DE VIDA SAUDÁVEL QUE PODEM ACRESCENTAR UMA DÉCADA A SUA VIDA

28

Não pegue mico no verão Empreendedorismo em empresas

Nesta Edição (197).indd 4

18 28

Como se proteger dos perigos do verão Cuidado com seus pets no verão

FAVOR POR

CIC

ST A

Apreciar Cascais

RE

16 22 34

Rio Tapajós em frente a Santarém-PA Foto de Celso Lobo, modelo Indridy Tavares, Açaí Estúdio

I LE ESTA REV

www.paramais.com.br

20/07/2018 15:55:53


www.paramais.com.br

GUIAS PARA+.indd 14

Parรก+

14

19/07/2018 17:10:50


O Monumento será gerido pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-bio), órgão responsável pela realização dos estudos, consulta pública e preparação dos documentos legais necessários ao processo de criação da unidade

Monumento Natural Atalaia, em Salinópolis Texto *Dilermando Gadelha Fotos Geraldo Ramos/ Arquivo Paratur, Cristino Martins, Rodolfo Oliveira/Ag. Pará

A área faz parte da categoria de manejo Monumento Natural e foi criada pelo Decreto estadual Nº 2.077, de maio de 2018

06

Pará+

Monumento Natural Atalaia, em Salinópolis.indd 6

O

Pará ganhou recentemente uma nova Unidade de Conservação (UC) da Natureza Estadual no município de Salinópolis. A área faz parte da categoria de manejo Monumento Natural e foi criada pelo Decreto estadual Nº 2.077, de maio de 2018. O Monumento será gerido pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-bio), órgão responsável pela realização dos estudos, consulta pública e preparação dos documentos legais necessários ao processo de criação da unidade. O Monumento Natural Atalaia possui uma área de 256,58 hectares, aproximadamente 256 campos de futebol, e é formado pelo lago da Coca-Cola e lagos de recarga no entorno, dunas fixas e móveis, a vegetação de restingas, o manguezal e pequenos igarapés. O monumento começa no limite do segundo acesso ao Atalaia, segue ao fundo dos bares e restaurantes da praia, até próximo aos cocais, circunda pelos manguezais e termina no limite das ruas dos conjuntos habitacionais nas cercanias do Atalaia. www.paramais.com.br

21/07/2018 09:20:40


ESSA DUPLA É A MAIOR LIMPEZA! P R O D U T O S

Qualidade que você confia Rod. Artur Bernardes, KM 14 www.paramais.com.br

Monumento Natural Atalaia, em Salinópolis.indd 7

(91) 3204-1400 Pará+

07

21/07/2018 09:20:42


O monumento começa no limite do segundo acesso ao Atalaia, segue ao fundo dos bares e restaurantes da praia, até próximo aos cocais, circunda pelos manguezais e termina no limite das ruas dos conjuntos habitacionais nas cercanias do Atalaia

A nova unidade de conservação faz parte do grupo de Proteção Integral, aquelas destinadas ao desenvolvimento de estudos e pesquisas científicas, ecoturismo, recreação e lazer, educação ambiental e a conservação da natureza. O espaço não poderá ser usado para moradia e nem para exploração dos recursos naturais. Segundo Crisomar Lobato, diretor de Gestão da Biodiversidade (DGBio) do Ideflor-bio e coordenador do projeto de criação da UC, o Monumento trará benefícios para o município de Salinópolis e também para os turistas que utilizam o espaço para férias e veraneio.“ O objetivo básico do Monumento Natural é preservar sítios naturais raros e singulares, como os lagos e as dunas, que são únicos na área. Além disso, com a Gestão da UC, o espaço será organizado e ordenado, terá infraestrutura e equipamentos que melhorarão o uso público e a educação ambiental dos frequentadores da praia, além de garantir a conservação desse Monumento de riquíssima beleza cênica”, afirma o diretor.

08

Pará+

Monumento Natural Atalaia, em Salinópolis.indd 8

Vista aérea da praia do Atalaia, em Salinópolis. O Monumento trará benefícios para o município de Salinópolis e também para os turistas que utilizam o espaço para férias e veraneio

www.paramais.com.br

21/07/2018 09:20:45


O Monumento Natural Atalaia possui uma área de 256,58 hectares, aproximadamente 256 campos de futebol, e é formado pelo lago da Coca-Cola e lagos de recarga no entorno, dunas fixas e móveis, a vegetação de restingas, o manguezal e pequenos igarapés

O espaço será organizado e ordenado, terá infraestrutura e equipamentos que melhorarão o uso público e a educação ambiental dos frequentadores da praia, além de garantir a conservação desse Monumento de riquíssima beleza cênica

A Cidade Limpa, empresa de proteção ambiental opera a 19 anos no Estado do Pará e está devidamente licenciada pelos órgãos competentes: SEMA, IBAMA, ANVISA, CAPITANIA DOS PORTOS, CREA-PA, Corpo de Bombeiros e Prefeitura Municipal de Belém. A empresa está apta a dar destinação final, de forma correta a resíduos industriais líquidos, pastosos e sólidos, além de resíduos hospitalares.

Para a criação da UC, a DGBio realizou estudos técnicos, além da consulta pública, em Salinas, para a apresentação da proposta de criação do Monumento. Os estudos compreendem o meio físico (geologia, relevo, solo, hidrografia e clima), o meio biótico (animais e plantas), estudos socioeconômicos e questão fundiária. Os estudos iniciaram em 2011, com o levantamento de recursos hídricos, principal elemento da UC. Já a Consulta Pública, baseada nos dados levantados nos estudos, foi realizada em 2014, com aprovação unânime por aclamação e uma abstenção.

19 anos

de Excelência

www.cidadelimpa-pa.com.br

Rod. 316 - Estrada Santana do Aurá, s/n - Belém-PA 55 (91) 3245-1716 / 3245-5141 www.paramais.com.br

Monumento Natural Atalaia, em Salinópolis.indd 9

Pará+

09

21/07/2018 09:20:47


A Região Norte recebe o primeiro empreendimento de multipropriedade Salinas Park Resort é um importante marco turístico para o estado do Pará, com a assinatura da holding GAV Resorts Fotos Divulgação

A

belíssima cidade de Salinópolis, localizada no litoral paraense, foi escolhida para receber o primeiro empreendimento com o conceito da multipropriedade, voltado para o turismo compartilhado, da região. O Salinas Park Resort teve as obras finalizadas em julho e brevemente as operações hoteleiras estarão em pleno vapor, prontos para receber seus clientes. As quatro torres do Salinas Park Resort, cada uma com duas opções de apartamento, com um e dois quartos, são alguns dos principais atrativos deste empreendimento, que também possui varanda gourmet, estacionamento coberto, piscinas elevadas, deck solarium, cinema, sauna, parque aquático, espaço zen, bar molhado e terraços, que proporcionam aos visitantes uma visão privilegiada da charmosa Salinópolis, ou simplesmente Salinas, como é mais conhecida. Com entrega do empreendimento, Salinópolis entrará definitivamente nas melhores rotas do turismo mundial. Isso é fruto da parceria entre a GAV Resorts e a RCI, empresa líder em intercâmbios de férias, sendo a maior rede do mundo, que oferece inovação no mercado, produtos de primeira linha e serviços incomparáveis para melhorar a experiência de férias em períodos de uso.

Luxuosa área de lazer, com piscinas, grutas, bar molhado, entre outras possibilidades de diversão e aventura

10

O Salinas Park Resort teve as obras finalizadas em julho e brevemente as operações hoteleiras estarão em pleno vapor, prontos para receber seus clientes

São atualmente 3,8 milhões de sócios em 100 países e mais de 4.300 empreendimentos afiliados – entre eles os assinados pela GAV Resorts. Pioneira na implantação do conceito de turismo compartilhado na Região Norte, a GAV Resorts vem se consolidando como líder no mercado. Com apenas quatro anos de existência, a holding exibe uma carteira de mais

Pará+

A Região Norte recebe o primeiro empreendimento de multipropriedade.indd 10

de nove mil clientes, tendo vendido mais de 12 mil cotas. São mais de 25 mil casais que visitaram pelo menos um dos seis showrooms, localizados nas principais capitais nortistas, sendo dois em Belém, um em Salinópolis, dois em Manaus e um em Macapá. Todo o know how da GAV Resorts é resultado da união de três importantes empresas do segmento, Gratão Comercializadora, pioneira e líder em vendas de cotas imobiliárias na região; a Amec Construtora, a maior construtora do Norte do Brasil; e a VallePar, uma das maiores urbanizadoras do país. Essas empresas estão implementando não apenas um empreendimento, mas um complexo turístico de resorts, composto por outros dois projetos, que será finalizado em 2022. Fazem parte desse complexo, o Salinas Exclusive Resort, um lugar pensado para possibilitar a sensação de total relaxamento, aliado ao lazer. Conta ainda com um rio lento, piscina para adultos, deck e bar molhados, área de diversão infantil e espaço fitness, restaurante e salão de jogos para adultos e crianças. Empreendimento tem previsão de entrega em 2021. www.paramais.com.br

20/07/2018 10:34:14


Área de diversão infantil

Após as mudas se revigorarem o paisagismo ficará lindo

E fechando essa trilogia, o Salinas Premium Resort, com suas duas torres, trouxe inovação com a possibilidade do apartamento Smart, além das opções de um e dois quartos. Isto é, o cliente Premium pode escolher a unidade que atenda suas expectativas. Como diferenciais esse empreendimento traz uma luxuosa área de lazer, com piscinas, grutas, bar molhado, entre outras possibilidades de diversão e aventura. Com essa imponente estrutura, voltada para o turismo, é fácil compreender que, brevemente, Salinas receberá um número maior de visitantes o ano inteiro, não mais nos meses de férias, especialmente janeiro, julho e dezembro. Haverá mudanças consideráveis na rotina econômica e social da cidade, que passará a ser visitada, inclusive, nos períodos ditos de baixa temporada.

www.paramais.com.br

A Região Norte recebe o primeiro empreendimento de multipropriedade.indd 11

Com a entrega do Salinas Park Resort serão gerados muito mais de 130 empregos diretos e 250 indiretos no município, o que deve gerar tantos outros em municípios próximos a cidade, que somados aos mais de 700 postos de trabalho que as obras do complexo vêm oferecendo ao estado do Pará, a economia tende a se aquecer e a proporcionar melhorias para a população. A GAV Resorts concretiza assim o plano vanguardista de movimentação turística e não deve demorar muito para entrar no hall das maiores holdings brasileiras do segmento, valorizando o regionalismo e colaborando para a economia do país.

Pará+

11

20/07/2018 10:34:17


“Tudo que planejamos é voltado a um pensamento a longo prazo, nada imediatista. Nossos empreendimentos são executados para atender várias gerações, porque acreditamos que assim fortalecemos o relacionamento com nossos clientes e valorizados a nossa história”– Moisés Carvalho (Presidente da GAV Resorts)

“2018 é um ano histórico para a GAV Resorts, com a entrega do Salinas Park Resort. Tudo que fazemos, seja na inauguração de um resort ou até mesmo em um lançamento de um novo produto, temos um compromisso inquebrável com nosso cliente, de sempre oferecer-lhes nosso melhor” – César Faria (sócio-diretor da Amec Construtora)

Últimos retoques...esmero nos finalmentes para ficar tudo nos trinques

Multipropriedade A multipropriedade é uma modalidade de negócios conhecida no mundo por possibilitar o compartilhamento de bens de alto valor, como: automóveis, lanchas e helicópteros. No mercado imobiliário, voltado para o turismo de tempo compartilhado, essa modalidade vem ganhando força ao longo de alguns anos, no mundo e no Brasil. Nesse contexto, a multipropriedade é uma maneira de adquirir um patrimônio de férias e compartilhar o seu tempo de uso e despesas deste bem com outros coproprietários. Além de otimizar os custos, possibilita a aquisição de bens de alto valor e tem sido um grande fomentador para intercâmbios de viagens.

12

“O complexo de Resorts, Salinas Park Resort, Salinas Exclusive Resort e Salinas Premium Resort, entram definitivamente no destino de férias preferido para todos que amam conforto, lazer, praticidade e muita diversão!” – Átila Gratão (Diretor de Operações da GAV Resorts). Numa recente pesquisa realizada por Caio Calfat Real Estate Consulting, a multipropriedade tem dado um novo significado ao turismo, sobretudo após a difusão do conceito da economia compartilhada, permitindo que se pague apenas pelo tempo de uso. A mesma pesquisa aponta que os números não param de crescer. Somente em 2018 já são 80 projetos, entre eles os localizados em Salinópolis (o Salinas Park Resort, Salinas Exclusive Resort e o Salinas Premium Resort). Considerando que em 2013 eram apenas 02 projetos, é perceptível o crescimento exponencial da multipropriedade no segmento imobiliário. Num cenário favorável, como este, as perspectivas são as melhores para um crescimento saudável do mercado do turismo no Brasil. E a região Norte passando a fazer parte desse crescimento.

Interiores com acabamentos da melhor qualidade

Pará+

A Região Norte recebe o primeiro empreendimento de multipropriedade.indd 12

www.paramais.com.br

20/07/2018 10:34:22


“Se exponha, mas não se queime”, ou Verão Laranja, paraense Alerta especial para àqueles que se expõem constantemente aos raios solares em sua rotina profissional, no dia a dia ou nas férias Sob o slogan “Se exponha mas não se queime”, pretende conscientizar e educar as pessoas sobre os riscos do câncer da pele decorrentes da exposição excessiva ao sol sem proteção, lembrando que filtro solar não é o único cuidado contra a radiação ultravioleta. A mensagem visa atingir, sobretudo, quem trabalha sob o sol ou ao ar livre, bem como as pessoas em seu cotidiano profissional e em momentos de lazer. “Queremos divulgar para a grande população, especialmente para os trabalhadores que desempenham suas funções expostos ao sol, como carteiros, vendedores ambulantes, operários da construção civil, feirantes e outros, esse conjunto de atitudes, essenciais para que essa exposição prolongada não traga problemas de saúde”, afirma o presidente da SBD, José Antonio Sanches. Controle o Sol

A

Chegou o sol, cuidado com a pele! Use chapéus de abas largas

Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), apresentou a Campanha Nacional de Prevenção do Câncer da Pele, do ano passado com o título dessa matéria. A publicamos por acharmos pertinente ao veraneio paraense, quando o Sol se apresenta em magnitude esplendorosa, segundo os seus curtidores. De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), todos os anos surgem 176 mil casos de câncer da pele, o de maior incidência no país. Atenta a esse alto índice, a SBD desenvolve, desde 2014, o movimento Dezembro Laranja, com a promoção de uma série de iniciativas de conscientização sobre a prevenção e o diagnóstico precoce da doença, incluindo a importância da fotoproteção em suas diferentes formas para a redução dos riscos. Ano passado, pela primeira vez, a campanha continua durante todo o verão, trazendo diferentes ações na internet, ruas, praias e parques.

O MELHOR CHURRASCO

GAÚCHO DO PARÁ!

Pizza

@boidouro

/ChurrascariaBoiD'ouro

Av Almirante Tamandaré, 912 e Duque c/ Curuzu - Belém (Av. Augusto Montenegro e Mario Covas)

Reservas: (91) 3226-3400 / 3226-0501 www.churrascariaboidouro.com.br | www.boidouro.com.br www.paramais.com.br

“Se exponha, mas não se queime”, ou Verão Laranja, paraense.indd 13

Pará+

13

20/07/2018 10:35:25


Os lábios também podem sofrer queimaduras de sol

Mês da Campanha de Conscientização da Prevenção e Combate ao Câncer de Pele

A recomendação é de que usem equipamentos de proteção individual (EPI): chapéus de abas largas, óculos escuros, roupas de cubram boa parte do corpo e protetores solares com fator mínimo de proteção solar (FPS) 30. A hidratação constante também faz parte dessas medidas fotoprotetoras, sem esquecer de evitar os horários de maior insolação: das 10h às 16h.

14

Pará+

“Se exponha, mas não se queime”, ou Verão Laranja, paraense.indd 14

Se exponha mas não se queime! É importante tomar sol

www.paramais.com.br

20/07/2018 10:35:26


Use protetores solares com fator mínimo de proteção solar (FPS) 30

O câncer de pele está diretamente ligado à exposição solar, seja ela aguda ou crônica

Lembre que o filtro solar não é o único cuidado contra a radiação ultravioleta

MANUTENÇÃO ESPECIALIZADA EM: TABLETS E SMARTPHONES EM GERAL VENDAS DE ACESSÓRIOS E ELETRÔNICOS

Store.com @Store_com

91 | 3223-0923 91 | 98357-5075 91 | 98380-0800 www.paramais.com.br

“Se exponha, mas não se queime”, ou Verão Laranja, paraense.indd 15

Entre as iniciativas previstas, estão a divulgação de peças publicitárias na internet (Facebook, Instagram e site), alertando sobre a incidência do câncer da pele e dão dicas de proteção. As mensagens serão dadas pelos personagens Dr. e Dra. Pele, e todas as peças virão marcadas com a hashtag #DezembroLaranja e #ControleoSol. O público interessado também poderá divulgar a campanha nas redes sociais, customizando a foto de perfil, postar o texto com fundo laranja no Facebook ou usar o filtro laranja do Stories no Instagram. Assim como em anos anteriores, personagens e lideranças em suas áreas de atuação participarão do movimento vestindo a cor laranja e monumentos nacionais serão iluminados com a cor símbolo da campanha, frisando o compromisso com as medidas protetoras. Um filme de animação sobre a fotoproteção foi exibido durante o mês em diferentes cinemas, expandindo a campanha pelo país. A campanha foi coordenada pelo dermatologista Joaquim Mesquita Filho (RJ). O médico ressalta a mobilização Dezembro Laranja e destaca que o objetivo é promover o esclarecimento de uma doença que demanda uma maior atenção, já que o número de casos tem aumentado nos últimos anos. “Nós temos como missão orientar a população na identificação dos sinais de câncer da pele e prováveis lesões tumorais que já existam. Orientar que pode ser feita uma proteção saudável contra a radiação ultravioleta, com o uso de roupas adequadas, de filtro solar, e da procura por lugares com sombras, como embaixo de barracas ou árvores. Esses são alguns cuidados que todos podem tomar contra o câncer da pele”.

E R O T S .COM Rua Jerônimo Pimentel c/ Dom Romualdo de Seixas Posto Ipiranga, Loja 03 Pará+

15

20/07/2018 10:35:29


Boca do Inferno, esta profunda ravina é uma das grandes atrações de Cascais, formada pela fúria do Atlântico contra os rochedos

Apreciar Cascais A imponente baia de Cascais, bonita paisagem de beleza natural aos apreciadores que se encantam sob o azul do céu

Texto *Anete Costa Ferreira Fotos Divulgação

O

desejo de visitar Cascais, é a facilidade de lá chegar rapidamente por ser próxima de Lisboa. Fica numa distância de 31 kilômetros, escolhendo ir de trem ou de carro. Se preferir ferrovia apanha no Cais do Sodré o transporte e vai se deslumbrando com as paisagens e as praias em toda a extensão da viagem, se optar pela rodovia pode partir de qualquer ponto da capital, e em linha reta seguir a Avenida Marginal, ora vendo o arvoredo, o tipo da urbanização e ainda as praias existentes no percurso até chegar na famosa Cascais, onde pode banhar-se tranquilamente usufruindo a temperatura permanente entre 26 a 16 graus, no período de Junho a Novembro.

16

Pará+

Apreciar Cascais.indd 16

As cidades situadas na orla marítima são Algés, Santo Amaro de Oeiras, Oeiras, Cruz Quebrada, Caxias, São Pedro do Estoril, Santo João do Estoril, Monte Estoril, Parede, Carcavelos, Estoril e Cascais cada uma com sua história, suas praias, suas potencialidades à disposição dos visitantes banhistas ou não. Passeios à beira mar, parques, bicicletas, charretes ou a pé, são algumas das referências. Carcavelos, é uma praia famosa pela realização do 1º Banho do Ano que ali é tomado desde 1950. Evento criado pelo Grupo Internacional de Futebol, que se tornou tradicional ao juntar simpatizantes num convívio agradável onde festejam a entrada do Ano Novo. Na da Parede, está o mais antigo espaço termal, frequentadíssimo, caracterizado pelas propriedades terapêuticas, únicas no tratamento para as pessoas portadoras de patologias ósseas.

Cascais, há 31 kilômetros, de Lisboa, podendo ir de trem ou de carro

www.paramais.com.br

19/07/2018 16:15:08


As praias de Santo Amaro de Oeiras, Oeiras e Carcavelos, por serem de maiores extensões têm a preferência dos banhistas e seus familiares, principalmente os praticantes de esportes náuticos como o surf, caiaque, canoagem, windsurf, kitesurf, usufruindo as ondas. Outros, aproveitam a areia e jogam ping - pong, futebol de praia, ouvem músicas e há os que se divertem com a leitura. Espaços obrigatórios para visitar em Cascais, Museu do Mar, a Boca do Inferno que data de de 1895, Museu Histórico, Casa das Histórias Paula Rego, palacetes do século XV, Forte do Guincho (Porto Salvo), Ruinas do Forte das Velas, ruínas de obras do século XVII, Forte de São Bruno (Caxias). Ainda o Parque dos Poetas (Oeiras), Teatro Experimental (Cascais), Cabo da Roca, onde dizem ser a divisão do mundo e que é concedido ao visitante, um diploma por haver estado nesse espaço histórico, Cassino Estoril com belíssimo jardim tem no seu interior o Salão de Artes, onde pode visitar obras de autores conceituados, e aproveitando a ocasião vale fazer uma fezinha nas máquinas caça níqueis , apostar jack pote e ganhar prêmios valiosos.

Cabo da Roca, onde dizem ser a divisão do mundo e que é concedido ao visitante, um diploma por haver estado nesse espaço histórico Palacetes do século XV

Assista no final da tarde, as embarcações atracarem no cais com os pescadores retornando da sua faina, transportando seus produtos para a lota, como de praxe. A baia de Cascais imponente com capacidade para na sua marina, comportar centenas de iates que ao deslizarem nas águas ondulantes oferecem uma bonita paisagem de beleza natural aos apreciadores que se encantam com o desfile dessas embarcações sob o azul do céu. Aproveite as delícias da gastronomia portuguesa que são oferecidas nas centenas de bares situados à beira mar, e escolha no menu do Prato do Dia, carne ou peixe preparados na cozinha tradicional a preços acessíveis. Caso prefira uma refeição sofisticada pode escolher em qualquer dos restaurantes da orla, o bacalhau preparado das mais variadas formas. Há também os mariscos e peixes grelhados no carvão, fritos, cozidos e ensopados. Existem outros sabores como a comida japonesa, chinesa, italiana, indiana e ucraniana, entre outros. Experimente a açorda de mariscos e não esqueça as pataniscas de bacalhau servidas com arroz de tomate. E se for Verão é imprescindível saborear as sardinhas assadas no carvão, acompanhadas com salada de pimentão, porque vale a pena a pedida. Tudo isso tem o acompanhamento indispensável do delicioso vinho português. Conheça e sobremesa, e se delicie com as frutas da época cerejas, pêssegos lisos ou aveludados, ananás, peros, meloas, morangos, framboesas, mirtilos, sempre fresquinhas, além de sorvetes, pudins, e cremes de sabores variados. O trabalho desenvolvido na vertente do turismo sustentável, é responsável pelos resultados de toda essa beleza nesses anos dedicados a essa área, que se tem tornado prioritária para com o turista que visita o espaço da linha, e retorna sempre para apreciar Cascais. (*) Correspondente em Portugal

<<

.com.br Aeroporto (91) 3201-5457 98286.0150

91

91 Válido até Agosto 2018

Grão Pará 98286.0148

Estação 91 98286.0146

No hotel Newinn

(91) 3201-5455

Hotel New Inn P. Vargas (91) 3201-5454 91 98286.0149 91 98286.0147 www.paramais.com.br

Apreciar Cascais.indd 17

Pará+

17

19/07/2018 16:15:10


Como se proteger dos perigos do verão “Primeiro é preciso lavar bem com sabonete o local do contato”, recomenda Tatiana. “Se ocorrer a queimadura, no entanto, deve-se procurar um dermatologista para que ele prescreva o tratamento adequado.” Para evitar queimaduras solares, a recomendação é não ir à praia ao ar livre entre às 10h e 16h.

Multidão nas praias de Outeiro, em Belém. O verão faz com que a procura pelas praias aumente, elevando a frequência de banhistas Para evitar queimaduras solares, a recomendação é não ir à praia ao ar livre entre às 10h e 16h

Fotos Agência Brasil/Arquivo, Ascom Setur/Divulgação, Carlos Sodré - Agência Pará, Jean Barbosa-Paratur

O

s 7,4 mil quilômetros de praias brasileiras oferecem, além de belezas e descanso durante o verão, riscos muitas vezes desconhecidos. Entre os principais estão viroses, intoxicações ou alergias alimentares, queimaduras solares agudas e acidentes causados por animais marinhos, como águas-vivas, bagres ou arraias. Segundo a dermatologista Tatiana Villas Boas Gabbi, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), as principais doenças que podem ocorrer são insolação, queimadura solar e desidratação. Mas há ainda a fitofotodermatose, uma queimadura que ocorre após a pessoa lidar com limão, ou outras frutas cítricas, e se expor ao sol.

18

Pará+

Como se proteger dos perigos do verão.indd 18

A fotoproteção inclui o uso de óculos, viseira, chapéu ou boné...

Os perigos dos alimentos nessa época estão relacionados principalmente ao fato de as temperaturas estarem altas, em geral superiores a 30ºC, por exemplo, peixes, maionese, saladas com molhos, carnes e lácteos

www.paramais.com.br

19/07/2018 16:17:57


“No início da manhã e no final da tarde os raios solares são menos danosos e os problemas agudos (vermelhidão e dor) são menos prováveis”, diz o dermatologista Vidal Haddad Júnior, da Faculdade de Medicina de Botucatu, da Universidade Estadual Paulista (Unesp).

Na hora de comer, é melhor evitar espetinhos de camarão fritos, etc...

Sol intenso e calor podem provocar insolação, queimaduras de pele e desidratação. Aproximadamente 30% dos adultos, 70% das crianças e adolescentes relatam pelo menos uma queimadura solar durante as férias de verão

“A exposição ao sol causa alterações cumulativas e com o tempo pode gerar lesões pré-neoplásicas (que podem ser precursoras de câncer), carcinomas e envelhecimento da pele.”

Ideal é levar frutas de casa para a praia, ou verificar condições de acondicionamento em barracas e restaurantes

Por isso, sempre se deve usar um filtro solar, adequado ao tipo de pele do banhista. A foto proteção inclui ainda o uso de óculos, viseira, chapéu ou boné, além de ficar mais na sombra. “Quando a pessoa já tem uma queimadura solar inicial, o mais indicado é uso de camisetas com proteção aos raios ultravioletas do sol, que já existem no mercado”, diz Tatiana. Além disso, deve-se beber bastante água, principalmente as crianças, para evitar a desidratação.

Cuidados com a alimentação

vikingsburgerbelem

Os perigos dos alimentos nessa época estão relacionados principalmente ao fato de as temperaturas estarem altas, em geral superiores a 30ºC. “Produtos altamente perecíveis como, por exemplo, peixes, maionese, saladas com molhos, carnes e lácteos, se não forem acondicionados em ambiente refrigerado, ao redor de 3º a 4ºC, podem sofrer contaminação e levar a distúrbios gastrintestinais ou algo mais grave”, diz a bióloga e doutora em Ciência de Alimentos Glaucia Pastore, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

#vem provi kings

vikingsburger

Shopping Pátio Belém

Av. Duque de Caxias,1326. (Esq. Com Pirajá) Av. Três Corações (próx. Pça. da bíblia) www.paramais.com.br

Como se proteger dos perigos do verão.indd 19

tokyotemakeria

D E L IVERY (91) 3246-5644 / 3031-1174 Av. Duque de Caxias esq. com a Tv. Curuzú, 1377 Av. 25 de Setembro, 2085 atrás do Bosque Pará+

19

19/07/2018 16:17:59


Pastore também recomenda especial atenção com os sucos preparados à beira-mar. É preciso verificar as condições de higiene do local, qual é a água que está sendo usada, qual é o aspecto do gelo e as condições de acondicionamento das frutas. Na hora de comer, é melhor evitar espetinhos de camarão fritos. “O ideal é levar de casa frutas como maçã, banana, abacaxi ou sanduíches preparados com cuidado pelo próprio consumidor, mais ‘secos’”, recomenda. “Também deve-se tomar bastante líquido, água de boa qualidade. Se ingerir bebida alcoólica, é importante entremear com muita água e alguma comida.” E no caso do álcool, a especialista alerta que é preciso tomar um cuidado extra. “Tenho visto pessoas que à beira-mar tomam muita bebida alcoólica e saem nadando ‘para tirar o álcool’”, conta. “Nada mais perigoso, pois neste caso o fígado tem dificuldade de liberar glicose para um esforço físico grande. Além disso, até o resgate fica difícil, pois os amigos pensam que é brincadeira. O resultado são inúmeros casos de afogamento.”

Pisar em bagres e arraias nas praias de Mosqueiro é corriqueiro

ESPECIALIZADA EM ESQUADRIAS EM ALUMÍNIO E VIDRO

ALUBOX

Nas praias de Salinas e as banhadas pelas águas do Atlântico muitas vezes há surtos de ataques de águas-vivas e caravelas

Espinhos e queimaduras O verão faz com que a procura pelas praias aumente, elevando a frequência de banhistas, mergulhadores e praticantes de esportes. Com isso, a incidência de contatos com animais aquáticos potencialmente perigosos também aumenta segundo Vidal Haddad Júnior, da Unesp Botucatu, que também estuda estes animais há 20 anos. “O resultado (do aumento de banhistas nas praias) é que todos os anos há surtos de ataques de águas-vivas na região Sul, de caravelas no Nordeste e de piranhas nas represas e lagos de todo país”, afirma. “Além disso, as pessoas pisam em bagres e ouriços-do-mar nas praias. Um em cada mil acidentes ou atendimentos de urgência em cidades litorâneas é causado por animais marinhos.” Os dados que Haddad coletou em Ubatuba (SP) para sua tese de doutorado mostram que os casos mais comuns estavam relacionados aos ouriços-do-mar

www.aluboxbelem.com.br

FABRICAMOS CONFORME O SEU PROJETO!

Av. João Paulo II, 1516 /Alubox 20

Pará+

Como se proteger dos perigos do verão.indd 20

(91) 3276-5146 (91) 3276-3267 www.paramais.com.br

19/07/2018 16:18:03


(50% de mais de 2 mil casos), às caravelas e águas-vivas (25%) e a peixes como bagres e arraias (25%). Entre os peixes venenosos, a maioria absoluta dos problemas é causada por bagres atirados na areia por pescadores de pequenas redes. No caso das águas-vivas e caravelas, embora pertençam ao mesmo grupo de animais, os cnidários, as primeiras são transparentes e raramente visíveis quando no mar, enquanto que as segundas têm uma bolsa púrpura ou avermelhada que flutua acima da linha da água, sendo facilmente percebidas. Segundo o pesquisador, é importante saber que as caravelas permanecem com capacidade de envenenar até 24 horas após saírem do oceano, o que deve ser levado em consideração pela possibilidade de crianças brincarem com aquelas encalhadas nas praias. O contato com esses cnidários deixa linhas avermelhadas na pele muito dolorosas, causadas por seus tentáculos. A dor é instantânea e violenta. “Deve-se retirar os tentáculos ainda aderidos sem usar as mãos nuas e, depois fazer compressas de água do mar gelada”, ensina Haddad. Mas por que água do mar? “A água doce gelada piora o quadro. Banhos com vinagre também podem ajudar a tornar o veneno inativo. Caso haja falta de ar ou aceleração dos batimentos cardíacos é recomendável procurar um hospital.”

Entre os peixes venenosos, a maioria absoluta dos problemas é causada por bagres

Já os ouriços-do-mar vivem em colônias em paredões rochosos ou em pequenas lagoas que se formam nas marés nos terrenos pedregosos entre praias. O mais comum é que frequentadores das praias pisem neles, fazendo com que os espinhos se quebrem e penetrem profundamente na pele da vítima. “A pessoa deve ficar em repouso, evitando

EXECUTIVO(PF)

pisar sobre a área atingida do pé”, afirma Haddad. A extração dos espinhos não é fácil, por isso deve-se procurar atendimento hospitalar. Não há envenenamento com as espécies do Brasil, mas a dor pode ser forte. (*) BBC Brasil

<<

COMIDA A QUILO

Bistro Belem

FORNECIMENTO EMPRESARIAL

A MELHOR COMIDA CASEIRA DA CIDADE.

QUENTINHA

Atendemos de segunda a sábado das 11:00h às 15:00h AMBIENTE CLIMATIZADO

Sobremesas

Sorvetes Regionais e Açaí na Tigela

Presidente Pernambuco (próx a Rua dos 48) DELIVERY

(91) 3088-5863 / www.paramais.com.br

Como se proteger dos perigos do verão.indd 21

99917-3086 Pará+

21

19/07/2018 16:18:05


Não pague mico no verão Fotos Ascom Setur/Divulgação, Carlos Sodré - Agência Pará, Divulgação, Fernando Sette-Comus

A

s férias chegaram e todo mundo quer se divertir. Tome cuidado com os excessos e não se esqueça das regras básicas. Evite passar vergonha enquanto curte aquele sol, o mar e ...

Escolha bem, inove no destino

Férias são feitas pra descansar, mas também são feitas para conhecer lugares novos, além da chance de sua praia preferida ficar cheia é gigantesca e ninguém gosta quando mal se consegue abrir o guarda sol. É a chance de conhecer lugares novos, seja explorador e visite lugares que você sempre quis, existem outras praias menos conhecidas, e vazias, e invista! Você pode conhecer um lugar novo e incrível.

Arrumando a mala

Praia é lugar de diversão e descontração, não de futebol

Faça uma lista e na hora de arrumar as roupas, sandálias, etc, pense em quantas vezes você vai ter que se trocar.

Hora de viajar

Se programe para sair, viajar no comecinho da manhã e no fim da tarde são boas saídas

Na praia Praia é lugar de diversão e descontração. Curtir um futebol, portanto, está totalmente liberado. O que não vale é jogar bola nos outros. Afinal, ninguém espera virar alvo enquanto tenta se bronzear. Evite esse mico. Procure lugares menos aglomerados antes de armar seu golzinho ou jogar frescobol.

Não banque um peixe

Nada de demonstrações, se você mal sabe nadar cachorrinho. Quanto mais longe da costa, maior a chance de se afogar – mesmo se você souber nadar bem, é perigoso, exemplos é que não faltam. Sua ideia de pagar de machão poderá ir por água abaixo e um salva-vidas ainda terá que fazer boca a boca para salvá-lo. Melhor não arriscar, né?

Areia nos olhos (e por toda parte)

Tempestade de areia é um fenômeno típico dos desertos, não das praias. Não crie uma por sua conta. Tome cuidado na hora de tirar a areia da canga da sua namorada – nada de sacudi-la à vontade e jogar areia nos outros.

Gazotti DH

AGENDE SEU HORÁRIO PELOS FONES:

91

99279-7689 | 98017-4007 AV. SENADOR LEMOS, 3671

Galeria Portuense Em frente ao Pátio Belém 91

22

98217-2392

Pará+

Não pague mico no verão.indd 22

Pass. Santa Maria, 90

Entre Senador Lemos e Pedro A. Cabral 91 98537-2935

www.paramais.com.br

27/07/2018 09:59:35


Ilha dos Amores, na praia do Farol, em Mosqueiro

Praia de Marudá

Fique esperto com a mulher do outro É permitido paquerar na praia, lógico! Porém, antes de tentar esquentar seu verão com a mulher do guarda-sol ao lado, certifique-se de que ela não está acompanhada. Seja discreto se não quiser que alguém tire satisfação contigo e arme o maior barraco.

Devagar, devagarinho!

Praia do Crispim, em Marapanim

Epa, epa, epa! Nada de exageros na hora da pegação. Tenha noção que a praia é um ambiente público e familiar. Ninguém espera que seu filho de 5 anos presencie cenas dignas de brasileirinhas enquanto constrói seu castelinho de areia.

Praia dos Pilões, em Pirabas

PEDIR SÓ UMA É ATÉ UM CRIME www.lamafiapizzeria.com.br

2121 4290 | 98543 5196 @lamafia.pizzaria www.paramais.com.br

Não pague mico no verão.indd 23

@lamafia.pizzaria

La Mafia Pizzaria Pará+

23

27/07/2018 09:59:39


Abaixa o som! Nem a praia e nem os banhistas precisam de DJs. Portanto, não incomode seus vizinhos de guarda-sol com sua caixa de som. Se não consegue viver sem ouvir música, use fones de ouvido.

Enfim, divirta-se!

A coisa que mais vale nas férias é se divertir e aproveitar o tempo livre que você tem

Sunga branca, nem pensar

A coisa que mais vale nas férias é se divertir e aproveitar o tempo livre que você tem. Então, não importa o que você decida fazer contanto que você se divirta e pense “Estas foram as melhores férias da minha vida!”

Seca, as sungas brancas podem até parecer inofensivas, mas basta um banho de mar para darem uma outra impressão. Quando molhadas, elas ficam mais transparentes, e a situação pode piorar se uma beldade passar por perto. Por segurança, não use sungas brancas!

Bronzeado camarão?

Essa dica já está batida, mas vale relembrar: use protetor solar. Além de prevenir dolorosas queimaduras e até o câncer de pele, seu uso lhe manterá longe daquele visual ridículo de camarão e evitará descamação da pele.

Corra das assaduras

Correr com shorts molhado pode ser uma péssima ideia. Para evitar assaduras e ter que andar como um pinguim nas horas seguintes à corrida, deixe para entrar na água depois das atividades físicas e use protetor solar oleoso para evitar o atrito entre as coxas.

Não faça feio

Nada mais deselegante do que deixar lixo na areia. Coloque a sujeira em um saquinho ou procure uma lixeira para jogar os dejetos. Sujar a praia é, literalmente, uma falta de educação!

Praia do Atalaia, em Salinópolis

SOLUÇÕES:

CONDOMÍNIO CONTÁBIL DEPARTAMENTO PESSOAL FISCAL E TRIBUTÁRIO

Tv. Dom Pedro I. 1156 Umarizal • Belém • PA Fone: (91) 98146-8823 24

Pará+

Não pague mico no verão.indd 24

CONDOMÍNIOS & CONTABILIDADE www.plenusonline.com.br www.paramais.com.br

27/07/2018 09:59:40


Risco de doenças vasculares aumenta de 20% a 30% no verão

Estima-se de 35% da população brasileira poderá ter varizes na fase adulta, de acordo com a avaliação do presidente da SBACV-RJ, Breno Caiafa Fotos Divulgação, SBACV

C

om o aumento das temperaturas no verão, sobe também o risco de doenças vasculares, ou venosas nos membros inferiores. De acordo com a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, seção Rio de Janeiro (SBACV-RJ), nesse período as chances de condições desse tipo – normalmente associadas a varizes - surgirem é de 20% a 30% maior. “O calor provoca vasodilatação, ou seja, a dilatação dos vasos sanguíneos, com uma sobrecarga nas veias dos membros inferiores”, explica o presidente da SBACV-RJ, Breno Caiafa. De acordo com ele, pessoas com doenças vasculares prévias tendem a piorar no verão, enquanto as demais podem sentir edemas, dores nas pernas, cansaço, peso, câimbra, ressecamento da pele e coceira, “tudo provocado pelo calor”.

Desidratação Nesse período, a secreção de suor é maior e isso pode ser associado à desidratação. Outro indicativo que pode agravar os sintomas vasculares é o fato de muitas pessoas desregulam sua alimentação durante as férias de verão, ampliando o consumo de sal e de bebidas alcoólicas. Para Caiafa, a população brasileira é propensa a ter varizes. A estimativa é que isso ocorra em

35% da população, envolvendo todas as faixas etárias. Avaliando apenas a população adulta, o percentual pode chegar até 70% de mulheres e a 50% de homens. Para evitar o agravamento dos sintomas no verão, o ideal é que as pessoas com doença vascular procurem um angiologista ou cirurgião para um tratamento anterior à chegada da estação, a fim de, pelo menos, receber orientação. Além do fator prévio da doença, existem agravantes, como a permanência em longos períodos com as pernas para baixo, em posição sentada ou em pé. Outros agravantes são excesso de peso e falta de exercício.

Evolução

Desidratação pode colaborar para que doenças vasculares aumentem no verão. O calor provoca vasodilatação, ou seja, a dilatação dos vasos sanguíneos, com uma sobrecarga nas veias dos membros inferiores

www.paramais.com.br

Risco de doenças vasculares aumenta de 20% a 30% no verão 2.indd 25

A correção será justamente fazer atividade física, perder peso, evitar permanência sentado ou em pé, alternar essa movimentação, movimentos com as pernas, levantar e andar durante o trabalho, restringir o uso de sal e de bebida alcoólica, aumentar a hidratação, alternar posições de elevação das pernas e, em alguns casos, com indicação médica, usar meia elástica de compressão para ajudar a circulação, sugeriu o especialista.

Pará+

25

21/07/2018 10:10:44


As pernas também sofrem com o aparecimento de celulite, estrias e acúmulo de gordura localizada, além de sustentar os quilinhos extras. Mantenha uma dieta equilibrada e não se esqueça de beber água, para hidratar a pele

Sol e calor O aquecimento da pele provoca a passagem de maior quantidade de sangue pelos vasos. Fator que favorece o aparecimento de vasinhos nas pessoas que são predispostas Ter bons hábitos alimentares: o excesso de peso sobrecarrega a circulação e provoca o aparecimento de celulites que também está associada as micro varizes e telangiectasias (vasinhos). Praticar exercícios: andar, correr e nadar melhoram a força muscular da perna e, portanto favorecem a circulação de retorno. Evitar ficar sentado ou em pé por muito tempo: as varizes surgem quando se está em pé ou sentado. Quando por motivos profissionais ou sociais for necessário ficar muito tempo parado devemos movimentar os pés, como se estivéssemos acelerando um carro. Este movimento do tornozelo, chamado de dorso-flexão, faz a musculatura da panturrilha se contrair ritmicamente, colocando em ação o “coração periférico”, o que faz a circulação funcionar e evita varizes

Quem tem Varizes ?

Nem todo mundo tem varizes. Calcula-se que 18% da população adulta tem varizes. Só no Brasil estima-se que mais de vinte milhões de pessoas carregam esta doença.

Hidratar a pele também foi recomendado

O aquecimento da pele provoca a passagem de maior quantidade de sangue pelos vasos

Entre os principais sintomas, a evolução da doença apresenta inchaço das pernas, que pode provocar pequenas fissuras na pele, facilitando infecções como a erisipela. A complicação mais temida é a formação de coágulos nas veias, a chamada trombose. Breno Caiafa destacou que a hidratação nessa época do ano é fundamental, junto com a reposição de sais minerais. As pessoas devem beber de dois a três litros de água por dia. Se forem consumir cerveja, devem alternar a ingestão de água. Para recuperar sais minerais perdidos, podem beber sucos de frutas, isotônicos ou água de coco.

Portas de Enrolar Automáticas Fabricação própria

/Smart Portas @Smart Portas

SmartPortas P O RTA S D E E N R O L A R A U TO M Á T I C A S

(91) 3711-5943 / 98205-8543

www.smartportas.com 26

Pará+

Risco de doenças vasculares aumenta de 20% a 30% no verão 2.indd 26

www.paramais.com.br

21/07/2018 10:10:45


E, dessas pessoas, as maiores vítimas são as mulheres por causa dos hormônios femininos – principalmente a progesterona que favorece a dilatação das veias. Agora, o principal fator de risco para se ter varizes é a presença desta doença na família: a hereditariedade. Veja agora outros fatores que contribuem para favorecer o aparecimento das varizes ou agravar as varizes de quem já as tem: • Idade – costumam aparecer a partir de 30 anos de idade e podem ir piorando com o passar os anos. É pouco frequente antes dos 30 anos. Entretanto, as microvarizes ou “aranhas vasculares”, também

chamadas de “vasos”, podem aparecer em pessoas bem mais jovens. • Sexo – as mulheres são mais propensas do que os homens; fatores hormonais da gestação, menstruação e menopausa parecem ter relação com a maior facilidade de dilatação das veias; alguns pesquisadores relatam que as terapias de reposição hormonal e anticoncepcionais aumentam o risco de varizes. • História Familiar – se há uma incidência de varizes na família, a sua chance de ter a doença será maior. • Obesidade – o sobrepeso aumenta a pressão sobre as veias e dificulta o retorno venoso.

• Traumatismo nas pernas • Temperatura – exposição ao calor por tempo prolongado pode provocar dilatação das veias. Não é à toa que a incidência de varizes é um pouco menor nos países mais frios. Portanto, cuidado com a exposição excessiva ao calor do sol, das saunas, dos fornos, etc. • Tabagismo – pesquisas revelam que a parede das veias também sofre as agressões das substâncias contidas nos cigarros • Gravidez – Durante a gravidez a quantidade de sangue circulante aumenta e, portanto, aumenta o trabalho das veias. Aumenta também a quantidade de progesterona, aquele hormônio que dilata as veias. Outro fato que acontece na gestação: o útero vai aumentando de tamanho e vai comprimindo as veias do abdômen e da região pélvica da mulher, colocando assim um obstáculo para a subida do sangue das pernas para o coração. As “varizes” que aparecem durante a primeira gravidez frequentemente desaparecem após o parto. Já aquelas que surgem a partir da segunda gestação costumam permanecer após o nascimento do bebê. • Sedentarismo – o movimento das pernas é muito importante para “bombear” o sangue das veias. Portanto, ficar muito tempo sentado ou em pé parado é muito ruim para o trabalho das veias. Os exercícios e o combate ao sedentarismo são muito importantes para a circulação corporal. Portanto, muito cuidado com os trabalhos em que somos obrigados a ficar parados muito tempo. • Pílulas anticoncepcionais e reposição hormonal – mais uma vez encontramos o problema dos hormônios atrapalhando as veias da perna. Alguns pesquisadores já responsabilizam os hormônios anticoncepcionais pelo aparecimento de varizes em mulheres jovens. O Fórum da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (www. sbacv-nac.org.br) adverte inclusive para os cuidados que devem ser tomados com os remédios usados para a terapêutica de reposição hormonal

MATERIAIS ELÉTRICOS MATERIAIS HIDRÁULICOS AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL

Av. Dr. Freitas, 101

entre Pedro Alvares Cabral e Pass. 3 de Outubro

www.paramais.com.br

Risco de doenças vasculares aumenta de 20% a 30% no verão 2.indd 27

Pará+

27

21/07/2018 10:10:46


Cuidado com seus pets no verão Orientações a tutores de cães e gatos sobre boas práticas durante a estação mais quente do ano. Horário adequado para os passeios, hidratação, alimentação e prevenção de doenças são fundamentais para manter cães e gatos saudáveis no período mais quente do ano Horário do passeio

Evitar caminhadas e passeios nos horários mais quentes, com seus cachorros, quando o sol está alto

Uma das recomendações dos médicos-veterinários é evitar caminhadas e passeios nos horários mais quentes, quando o sol está alto. É importante lembrar que a temperatura da calçada e do asfalto é muito maior que do ar e pode causar lesões graves por queimadura nos coxins (as “almofadinhas das patas”). Além disso, o cão pode sofrer fadiga e desidratação. Dê preferência a períodos do dia com temperaturas mais amenas e, mesmo assim, faça pausas para hidratação e descanso na sombra;

Hidratação

De acordo com Mainardi, os animais precisam ingerir no mínimo 60 ml de água por quilo de peso por dia. “Ou seja, um animal de 5 kg deve ingerir, no mínimo, 300 ml de água limpa e, de preferência, fresca por dia. Uma dica é colocar cubos de gelo nos potes de água para mantê-la fresquinha por mais tempo”, diz. O médico-veterinário esclarece ainda que cães de focinho curto, como pugs e buldogues, são raças que têm, por natureza, maior dificuldade na perda de calor do corpo e, portanto, sofrem mais com o calor. “É preciso ter muita cautela e ficar atento ao ritmo da atividade, respeitando sempre o limite do cão”, destaca.

Fotos Divulgação

O

verão vem, a cada ano, surpreendendo pelas altas temperaturas e, com o aumento do calor, também devem ser maiores os cuidados com os pets nesse período. Se os dias quentes são convidativos a passeios ao ar livre, viagens e brincadeiras na praia e com água, o bem-estar do pet requer atenção dos tutores. Pensando no bem-estar dos animais domésticos, o médico-veterinário Dr. Rodrigo Mainardi, conselheiro e membro da Comissão de Clínicos de Pequenos Animais do Conselho Regional de Medicina Veterinária de São Paulo (CRMV-SP), indica oito cuidados para que a saúde de cães e gatos não seja afetada.

Apetite do animal

O verão pede brincadeiras refrescantes

É comum em dias quentes que o animal diminua o apetite e passe a comer menos. A recomendação é e escolher um horário do dia mais fresco para a oferta da comida. O tutor precisa ficar atento se o animal manifesta fome, mas rejeita a ração. “Desconfie, pois ração industrializada e comida caseira podem sofrer alterações com o calor, causando diarreias e vômitos ao animal”, ressalta Mainardi;

Dra. Shirlane Cunha Médica Veterinária | CRMV-PA 1871

Vet Life Centro Veterinário @vetlife_centro_veterinario 28

Pará+

Cuidado com seus pets no verão.indd 28

Tv. Padre Eutíquio, 2030 - Térreo Batista Campos (91) 3347-8024 | 98460-3965 www.paramais.com.br

19/07/2018 17:11:27


Passeios de carro

Os animais precisam ingerir no mínimo 60 ml de água por quilo de peso por dia

Outro risco são os passeios de carro. É comum os tutores deixarem os animais dentro do carro fechado, sem ventilação. “Isso é altamente perigoso. A hipertermia (aumento da temperatura corporal) pode levar a uma queda de pressão e o pet pode desmaiar ou até mesmo sofrer uma parada cardíaca”, alerta Mainardi;

Cuidado com as piscinas

Outro risco são os passeios de carro

Para quem tem piscina em casa, o verão pede brincadeiras refrescantes. O alerta nesse caso é em relação à ingestão da água da piscina, que é carregada de cloro e outras

Coleção

substâncias químicas prejudiciais à saúde do pet. Uma dica para driblar a curiosidade do pet é deixar água sempre disponível para o animal, trocando várias vezes ao dia. É preciso também supervisionar os animais nessas brincadeiras na piscina para que não ocorram acidentes;

EnContos

Av. Generalíssimo, 1479 • www.amovivi.com.br • (91) 3224-4470

s 5 www.paramais.com.br

Cuidado com seus pets no verão.indd 29

Pará+

29

19/07/2018 17:11:29


É comum em dias quentes que o animal diminua o apetite e passe a comer menos

Mesmo no calor, é importante a secagem cuidadosa dos pelos, para evitar problemas de pele ou fungos Gatos gostam de água corrente

Água para gatos Gatos gostam de água corrente. Além da troca constante da água do bebedouro para ficar sempre fresquinha, pode se ter uma pequena fonte para ambiente interno que servirá de incentivo ao consumo.

Pelagem

Se o animal tiver pelo longo, pode-se tosar o cão para deixá-lo mais confortável. No calor, tende-se a dar banhos com mais frequência, ou brincar com os animais de mangueira ou de piscina. Se este for o caso, não é recomendado deixar o animal molhado para “se refrescar”. Mesmo no calor, é importante a secagem cuidadosa dos pelos, para evitar problemas de pele ou fungos – os cães retêm água no subpelo, então o recomendado é usar um secador para se certificar de que a pelagem e a pele estão completamente secas.

Confecção de uniformes Camisaria em geral Sublimação A4 A3 e A1 Abadás Atacado e Varejo

Disk Encomendas (91) 3272-5300 (91) 3015-5100 (91) 98023-9526

BAZAR DO

PÃO

Magalhães Barata, 1151 entre Castelo Branco e José Bonifácio (91) 98022.0003 / 3259.7030

30

Pará+

Cuidado com seus pets no verão.indd 30

Abrimos aos Domingos para Café da manhã das 7h às 11h

Pedidos a partir das 6:30h

Rua Tupinambás, 636 (esquina com Caripunas) www.paramais.com.br

19/07/2018 17:11:33


Uso de repelentes Atualmente, o Brasil é um País endêmico para a leishmaniose, segundo Organização Mundial da Saúde (OMS). A doença é transmitida por um mosquito. “Se picado, o animal torna-se uma fonte de infecção dentro de casa”, alerta o médico-veterinário do CRMV-SP. A prevenção, além da constante higiene do local, inclui o uso de coleiras repelentes contra o mosquito e vacinas. Outra doença bastante preocupante é a dirofilariose, que infecta os cães pela picada de outro mosquito. Também conhecida como “verme do coração”, esta enfermidade é muito comum em cidades litorâneas e de clima quente, sendo que São Paulo está entre as regiões com maior prevalência do parasita Dirofilaria immitis. “Após a picada o parasita aloja-se no ventrículo direito, na artéria pulmonar e na veia cava do cachorro. Dependendo do grau de infestação, os parasitas poderão provocar uma redução considerável da função cardíaca, dificuldades respiratórias e uma tosse crônica”, explica o médico-veterinário. Apesar de não haver vacina, a doença pode ser evitada também por meio do uso de coleiras repelentes. “Quando o tutor for levar o pet para áreas endêmicas da doença o ideal é também procurar um médico-veterinário para tratamento preventivo”, finaliza Mainardi.

6:30h

@emporiobelgabelem www.paramais.com.br

Cuidado com seus pets no verão.indd 31

Uso de coleiras repelentes contra o mosquito e vacinas

Venha conhecer nosso universo delicioso. Um novo conceito de doceria e cafeteria em Belém.

Generalíssimo Deodoro, 1471 Nazaré - Belém/PA 91 3351-5400 / 91 98271-4364 Pará+

31

19/07/2018 17:11:34


Opções de vida saudável que podem acrescentar uma década a sua vida Texto Karen Feldscher Fotos Health Harvard

Hábitos saudáveis para se viver e para a longevidade, segundo a Harvard

M

anter cinco hábitos saudáveis – se alimentar com uma dieta saudável, fazer exercícios regularmente, manter um peso saudável, não beber muito álcool e não fumar – durante a vida adulta pode acrescentar mais de uma década à expectativa de vida, segundo um novo estudo conduzido pela Escola de Saúde Pública da universidade norte-americana de Harvard. Os pesquisadores também descobriram que as mulheres e homens americanos que mantiveram os estilos de vida mais saudáveis tinham 82% menos chances de morrer de doenças cardiovasculares e 65% menos de morrer de câncer quando comparados àqueles com menos estilos de vida saudáveis durante os 30 anos. período de estudos. O estudo é a primeira análise abrangente do impacto que a adoção de fatores de estilo de vida de baixo risco tem na expectativa de vida nos EUA. Os americanos têm uma expectativa de vida média mais curta – 79,3 anos – do que quase todos os outros países de alta renda. Os EUA classificaram-se em 31º lugar no mundo em expectativa de vida em 2015. O novo estudo teve como objetivo quantificar a quantidade de fatores de estilo de vida saudável que poderiam aumentar a longevidade nos EUA.

Manter um peso saudável

32

Pará+

Se alimentar com uma dieta saudável

Pesquisadores e colegas da Harvard Chan analisaram 34 anos de dados de 78.865 mulheres e 27 anos de dados de 44.354 homens que participaram, respectivamente, do Nurses Health Study e do Health Professionals Follow-up Study. Os pesquisadores analisaram como cinco fatores de estilo de vida de baixo risco – não fumar, baixo índice de massa corporal (18,5-24,9 kg / m2), pelo menos 30 minutos ou mais por dia de atividade física moderada a vigorosa, ingestão moderada de álcool (por exemplo, até cerca de um copo de 5 onças de vinho por dia para as mulheres, ou até dois copos para os homens), e uma dieta saudável – pode afetar a mortalidade.

Opções de vida saudável que podem acrescentar uma década a sua vida.indd 32

Para os participantes do estudo que não adotaram nenhum dos hábitos de baixo risco, os pesquisadores estimaram que a expectativa de vida aos 50 anos era de 29 anos para as mulheres e 25,5 anos para os homens. Mas para aqueles que adotaram todos os cinco, a expectativa de vida aos 50 anos foi projetada para 43,1 anos para as mulheres e 37,6 anos para os homens. Em outras palavras, as mulheres que mantiveram os cinco hábitos saudáveis ganharam, em média, 14 anos de vida, e os homens que o fizeram ganharam 12 anos, em comparação com aqueles que não mantiveram hábitos saudáveis.Comparados a pessoas que não seguem esses hábitos saudáveis, mulheres adultas têm uma esperança de vida maior de 14 anos; e homens, de 12 anos. www.paramais.com.br

20/07/2018 15:50:09

V

• • • • • ww Ru


Não beber muito álcool

Fazer exercícios regularmente

estilo de vida saudável individual e um risco reduzido de morte prematura, e que a combinação de todos os cinco comportamentos saudáveis estava ligada aos anos mais adicionais de vida.“Este estudo ressalta a importância de seguir hábitos de vida saudáveis para melhorar a longevidade na população dos EUA”, disse Frank Hu, presidente do Departamento de Nutrição da Harvard Chan School e autor sênior do estudo. “No entanto, a adesão a hábitos de vida saudáveis é muito baixa. Portanto, as políticas públicas devem colocar mais ênfase na criação de ambientes saudáveis, construídos e sociais para apoiar e promover uma dieta saudável e estilos de vida”.Segundo os dados mais recentes das Nações Unidas um norte americano tem uma esperança de vida ao nascer, de 79,3 anos, das mais baixas dos países ocidentais. Em Portugal a esperança medida de vida é de 81,2 anos, sensivelmente idêntica à da Alemanha e abaixo da esperança de vida na Noruega, 81,7 anos. No Brasil a esperança de vida ao nascer é de 75,8 anos. (**) Outros autores que participaram do estudo: Yanping Li, Dong Wang, Xiaoran Liu, Klodian Dhana, Meir Stampfer e Walter Willett

<<

Não fumar

Os pesquisadores compararam os anos de esperança de vida de voluntários com 50 anos de idade. Uma mulher americana de 50 anos que não segue nenhum dos cinco hábitos saudáveis pode viver mais 29 anos. Isso significa que a maioria delas morre aos 79. Em contrapartida, uma mulher de 50 que não fuma, mantém um peso considerado saudável, faz exercícios moderados diariamente, bebe pouco e tem uma alimentação balanceada pode chegar aos 93 anos.

Segurança 24 horas

A mesma projeção para os homens de 50 anos indica que os que não seguem os cinco hábitos vão viver até os 76 anos, enquanto os demais chegam aos 88 anos. Ainda em comparação com aqueles que não seguiram nenhum dos hábitos de vida saudável, aqueles que acompanharam os cinco tiveram 74% menos probabilidade de morrer durante o período do estudo. Os pesquisadores também descobriram que havia uma relação dose-resposta entre cada comportamento de

Diga SIM a segurança do seu patrimônio

Maniçoba

Camusquim

VENDA - ALUGUEL - MANUTENÇÃO - INSTALAÇÃO • Circuito Interno de TV com visualização via internet • Câmera escondida • Alarme Monitorado 24h • Portões Automáticos • Cerca Elétrica • Fechadura Elétrica • Concertina • Interfone • Centrais telefônicas (91) 3230-5009 www.simseguranca.com Rua Antônio Barreto, 1191, Umarizal (91) 98828-4442 www.paramais.com.br

Opções de vida saudável que podem acrescentar uma década a sua vida.indd 33

Todos os dias opções diferentes para você!

Vatapá

ATENDEMOS PEDIDOS P/ JANTAR DAS 18H ÀS 22H

Av. Conselheiro Furtado, 905 982022.8282 | 3349.6038

se

raen Arroz Pa

Delivery de Segunda A Sábado de 11:30h ás 14h Pará+

33

20/07/2018 15:50:11


Empreendedorismo em empresas Pessoas com espírito empreendedor dentro das empresas são um recurso muito valioso: atitude de dono, paixão pelo negócio, autoconfiança, otimismo, vontade de realizar, criatividade, perseverança, visão de conjunto e proatividade são características valiosas que toda empresa ou instituição deveria buscar em seus líderes atuais e futuros

E

mpreender, em empresas, não só é possível, mas fortemente desejável! Uma empresa ou instituição na qual seus colaboradores são empreendedores conta com uma força de trabalho inestimável. Isto porque a liderança conseguiu com que todos comprassem o “sonho” da empresa ou instituição, passando-o a considera-lo como o seu próprio sonho, curtindo-o e procurando a sua realização a cada momento… Muito legal e produtivo para todos! Para tal, é preciso tornar os colaboradores intraempreendedores. Tal processo começa na sua admissão, na verificação dos reais motivos pelo qual o candidato deseja trabalhar na empresa ou instituição; e também se tem alguma experiência empreendedora, ou atitudes que se prestem a desenvolver tal experiência.

34

Pará+

Empreendedorismo em empresas.indd 34

Um empreendedor de sucesso costuma ser uma pessoa inquieta, nunca está satisfeito com os resultados, com procedimentos e busca sempre melhorar o tempo todo. Na mesma medida que eles descobrem novas formas de pensar e de criar, eles aprendem a agir de forma mais assertiva e melhor. Inicialmente pode ser instinto, mas com o tempo, é um hábito inovador que se forma. Não espere que os outros resolvam a sua vida! Arregace as mangas e transforme o seu meio para a forma mais empreendedora possível. Entenda as coisas da maneira mais simples e claras possíveis, desburocratize e faça o que os empreendedores adoram fazer: Inove! Passa também, naturalmente, por certa rotatividade inicial ao montar-se uma equipe intraempreendedora, pois ao longo do tempo, alguns não serão capazes de acompanhar o ritmo que esta equipe desenvolve no trabalho. Ou mesmo não gostarão do ambiente empreendedor – acontece…Mas, tudo está nas mãos do líder da equipe…Este deverá possuir características de grande empatia e vibração, personalizando assim o “sonho”

da empresa ou instituição; deve ser criativo, e aberto a novas ideias. Deve também ser capaz de “olhar pela janela do mundo” e perceber mudanças, para, junto com sua equipe, conhecer novos modos de pensar. Deve ter um bom “networking” e operá-lo, principalmente com líderes de mesmo teor e vocação. A sua postura deve estar sempre alinhada às possibilidades que a inovação lhe oferece. Deve também estar atento à novas tecnologias, e às oportunidades que mercados emergentes (lembre-se, tudo está mudando…) lhe oferecem. E principalmente, ocupar-se de seus colaboradores, fazendo-os evoluir na carreira e dando-lhes oportunidades de exercer ao máximo suas vocações e seu potencial. Pessoalmente, deve ter total conhecimento e domínio no seu campo de trabalho. Deve saber ouvir (não apenas “escutar”…), respeitar as questões que sempre lhe serão apresentadas, bem como ter estabilidade emocional para sanar eventuais crises, pois, afinal de contas somos humanos… Com tantos “deveres”, pode parecer difícil alcançar este tipo de liderança. Mas não é, conheço pessoalmente várias empresas que contam com líderes que possuem, em maior ou menor grau, tais qualidades, e pude constatar seu grande sucesso. Enfim, acho que tudo se resume em ser um líder “humano”… www.paramais.com.br

19/07/2018 16:09:52


www.paramais.com.br

GUIAS PARA+.indd 14

Parรก+

14

19/07/2018 16:43:06


14

Parรก+

GUIAS PARA+.indd 14

www.paramais.com.br

05/09/2017 11:08:39

Pará+ 197  

FÉRIAS NO PARÁ VERÃO SAUDÁVEL SALINAS PARK RESORT

Pará+ 197  

FÉRIAS NO PARÁ VERÃO SAUDÁVEL SALINAS PARK RESORT

Advertisement