Page 1

ENTENDENDO A BÍBLIA

Bíblia apócrifa

A

seleção dos livros que compõem a Bíblia Canônica deixou de fora uma gama enorme de livros, chamados de apócrifos. A própria Bíblia Canônica cita alguns deles (por exemplo, Judas 14-15 cita I Henoque). Há apócrifos do Primeiro (PT) e do Segundo Testamentos (ST). Desconsiderando os inúmeros fragmentos de textos, foram catalogados 52 livros do Primeiro Testamento e 88 do Segundo. Imagine 140 livros que não foram considerados inspirados. Claro que muitos deles são tardios. Sua datação vai do século 2o antes da Era Comum ao século 7o da Era Comum. Quando na linguagem cotidiana usamos o substantivo apócrifo, estamos nos referindo a algo falso, mentiroso. Na linguagem

bíblica, essa palavra passou a sigtambém há textos com teor de nificar texto não canônico, não pseudoepígrafo, isto é, um texoficial, e, por conseguinte, não to que foi atribuído a determiinspirado, não verdadeiro. Apónado autor, mas não é de sua crifo é, de fato, aquilo que autoria (como Cântico dos está na clandestinidade, Cânticos, que foi atribuído a Salomão, para que o lipois a maioria dos livros era Apócrifo é, de fato, vro tivesse mais autoridausada por pessoas e por coaquilo que está na de). Recentemente, entre munidades de forma oculta clandestinidade, os evangélicos, o termo das autoridades religiosas “apócrifo” começa a ser judaicas e cristãs. No entanpois a maioria dos utilizado para designar to, nem todos os apócrifos livros era usada por também todos os livros podem ser considerados fanpessoas e por comuque não foram inseridos tasias. Há os aberrantes, os na Bíblia Canônica. complementares (a maioria nidades de forma deles) e os alternativos.1 oculta das autoriApócrifos Os apócrifos são chadades religiosas judo Primeiro mados pelos evangélicos Testamento de “pseudoepígrafos”, isto daicas e cristãs é, falsos escritos atribuíClassificar os apócridos a alguma pessoa de fos do PT em gêneros literários notável autoridade na tradipode não ser o melhor camição, como Adão, Henoc, Moinho. Preferimos separá-los por sés etc. Melhor seria não usar temas, a saber: testamentos, a terminologia pseudoepígrahistoriografias, visões, orações fo, pois esta possui conotação e apocalipses. pejorativa. Na Bíblia Canônica, Testamentos

Historiografias Orações

Apocalipses

Flickr

Testamento de Adão Vida de Adão e Eva Salmos de Salomão Apocalipse de Abraão Testamento de Abraão Vida dos profetas Odes de Salomão Apocalipse de Moisés Testamento de Isaac Escada de Jacó Salmos 115–155 Apocalipse de Esdras Testamento de Jacó José e Asenet Oração de Manasses Apocalipse de Elias Testamento de Rúben Jubileus As 18 bênçãos Apocalipse de Sofonias Testamento de Simeão III Esdras Visões Apocalipse de Baruc (siríaco) Testamento de Levi IV Esdras Visão de Esdras Apocalipse de Baruc (grego) Testamento de Judá III Macabeus II Henoque Apocalipse de Sedrac Testamento de Issacar IV Macabeus Oráculos sibilinos I Henoque Testamento de Zabulon História de Aikar Ascensão de Isaías Testamento de Dã Recabitas Testamento de Neftali Paralipômenos de Jeremias Testamento de Gad Carta de Aristeu Testamento de Aser Pseudo-Fílon Testamento de José Testamento de Benjamim Testamento de Moisés ou da Ascensão de Moisés Testamento de Salomão Testamento de Jô O OMMe n e ns saagge ei irroo ddee Sa S annto t o AAnn tt ôô n i o

36

Dezembro Dezembro de de 2013 2013

O M e nn ssaaggeeiirroo ddee SSa a nnt to o AAnnt tô ôn ni oi o Dezembro ddee 22001133 Dezembro

37 37


ENTENDENDO A BÍBLIA

Flickr

Para compreender os apócrifos em chave bíblica e considerando as devidas proporções dos gêneros literários dos canônicos, os apócrifos do ST podem até ser classificados nas mesmas categorias de evangelhos, atos, epístolas e apocalipses. Nos últimos séculos, a descoberta arqueológica de apócrifos do ST em Nag Hammadi, Qumran, Benesa etc., tem despertado o interesse dos pesquisadores. A Igreja, que por muitos séculos conviveu com esses textos, classificou-os de apócrifos já nos primeiros séculos. No século 4o, muitos dos escritos foram enviados para a fogueira e proibidos de serem lidos pelas comunidades. O Decreto Gelasiano, publicado entre 412 e 523 e atribuído ao papa Gelásio (410-496), listava sessenta obras apócrifas do ST e exortava os católicos a evitá-las.2 Depois disso, muitos outros apócrifos foram escritos. Como lê-los? Essa é uma boa pergunta, cuja resposta veremos no próximo artigo.

O OMMe n e ns saagge ei irroo ddee Sa S annto t o AAnn tt ôô n i o

38

Dezembro Dezembro de de 2013 2013

Evangelhos

Atos Epístolas Apocalipses

Evangelho dos hebreus Atos de Pedro Cristo a Abgar Apocalipse de Pedro Evangelho dos ebionitas Atos de Paulo Abgar a Cristo Apocalipse de Paulo Evangelho dos egípcios Atos de Tecla Sêneca a Paulo Apocalipse de Tomé Evangelho de Pedro Atos de João Pilatos a Herodes Apocalipse de Estêvão Evangelho de Maria Madalena Atos de André Herodes a Pilatos Apocalipse de João Evangelho de André Atos de Tomé Pilatos a Tibério Apocalipse de Paulo Evangelho de Mateus Atos de Filipe Tibério a Pilatos Apocalipse ou Carta de Tiago Evangelho de Gamaliel Atos de Bartolomeu Pilatos a César Apocalipse da Virgem (Anáfora de Pilatos) Evangelho de Matias Atos de Tiago, Pedro a Filipe Apocalipse copta de Pedro irmão do Senhor Evangelho de Atos de Mateus Pedro a Tiago Sobre Pilatos Judas Iscariotes Evangelho de Tomé Atos de Barnabé I Clemente A morte de Pilatos Evangelho de Filipe Atos dos Doze Apóstolos Clemente a Tiago A cura de Tibério Evangelho de Bartolomeu ou Atos de Judas Tadeu Paulo aos Laodicenses A vingança do Salvador Perguntas de Bartolomeu e Simão Evangelho de Barnabé Atos de Pilatos ou III Coríntios Evangelho de Nicodemos, com o apêndice: “Declaração de José de Arimateia” Evangelho de Tiago Menor Pregação de Pedro Carta de Barnabé Evangelho da Ascensão A filha de Pedro Carta aos Alexandrinos de Tiago Evangelho da Verdade Memórias apostólicas Carta ou Apocalipse de Abdias de Tiago Evangelho dos Nazarenos Fragmentos de Evangelhos Carta dos Apóstolos Livro de Tomé, o Atleta Evangelho Desconhecido Epístola do Pseudo-Tito ou Egerton II Livro da Ressurreição Oxyrhynchus Carta de Nicodemos de Jesus Cristo, de Bartolomeu, (Atos de Pilatos) o Apóstolo Descida de Cristo aos Infernos Berlim Diálogo do Salvador ou Evangelho de Nicodemos Evangelho Secreto de Marcos Fayum Evangelhos da Infância Cairo Evangelho do Pseudo-Mateus, com Coptas relatos da Infância do Salvador Referências Evangelho do Pseudo-Tomé Evangelhos marianos 1 FARIA, Jacir de Freitas. Apócrifos Livro da Infância do Salvador Proto-Evangelho de Tiago aberrantes, complementares e Evangelho Armênio da Infância Livro do Descanso cristianismos alternativos: poder de Jesus de Maria e heresias! Introdução crítica e histórica à Bíblia Apócrifa do Evangelho Árabe da Infância Trânsito de Maria do Segundo Testamento. 2. ed. Pede Jesus Pseudo-Militão de Sardes trópolis: Vozes, 2010. Evangelho Latino da Infância Livro de João, arcebispo 2 MORALDI, Luigi. Evangelhos apó de Tessalônica crifos. São Paulo: Paulus, 1996. p. 21-24.. História de José, o Carpinteiro, Livro do Nascimento da com relatos da Infância de Jesus Santa Maria, com parte do Evangelho do Pseudo-Mateus Frei Jacir de Livro de São João, o Teólogo Freitas Faria, OFM Trânsito da Bem-aventurada Escritor e mestre em Virgem Maria, do Ciências Bíblicas pelo Pseudo-José de Arimateia Pontifício Instituto Bíblico de Roma O Evangelho Secreto www.bibliaeapocrifos.com.br da Virgem

Arquivo pessoal

Apócrifos do Segundo Testamento

O Mensageiro de Santo Antônio Dezembro d e 2 0 1 3

39

revista_omensageiro_dezembro2013_entendendoabiblia  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you