Issuu on Google+

Greve pára EEL-USP por tempo indeterminado

o popular Ano XIII nº 620 - Vale do Paraíba/SP, 13 de agosto de 2011

www.popdovale.com.br

Cidadãos e especialistas de Lorena e região visitam termoelétrica em Macaé

Letícia Nascimento

COMMAN de Lorena não envia representante, e visitantes conheceram usina semelhante a que deverá ser instalada em Canas página 5 Supermercado JC vai sortear moto neste sábado

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Professores, funcionários e alunos participaram de assembléia que decidiu pela greve página 4

Visitantes na área externa da usina de Macaé

Depoimento de funcionários incrimina Paulo Neme

Comissão que apura desvios do FUNDEB ouviu, secretário de Finanças e funcionários da contabilidade da Prefeitura de Lorena

pág.3

Lorenenses contra a Dengue farão nova ação de limpeza na segunda-feira

página 5

Para deixar o Dia dos Pais ainda mais animado e agradecer a confiança dos clientes, o Supermercado JC preparou uma festa e o sorteio de uma moto Honda CG Fan 125 0km. Nas compras acima de R$ 100 nas lojas do Supermercado JC, o cliente ganhou um cupom para participar do sorteio. Para entreter ainda mais o público que deverá comparecer em grande número, o JC preparou um sensacional show e a distribuição de pipoca, algodão doce e sorvete. O sorteio será no sábado (13) às 12h no JC da Vila Passos, que fica na Rua MMDC, 400, com transmissão direta pela Rádio Transamérica.

Câmara de Lorena cria telefone 0800

Polícia suspeita de crime passional

página 5 Paride Zanini

O empresário José Carlos

7º Festa Italiana de Canas foi um sucesso Militar é morto Polícia apreende dois na porta de casa quilos cocaína em

Funcionários de funerária recolhem o corpo do militar

Cachoeira

página 7

Paride Zanini

O delegado Dr. Mario Celso, os policiais rodoviários responsáveis pela apreensão e a droga apreendida.


página 2 - Ediçao 620 - 13 de agosto de 2011

Quem são os bandidos?

Nas últimas semanas a cidade de Lorena ficou assustada com o nível de violência que tomou conta da cidade. O aumento do número de homicídios, roubos, furtos, etc. Um caso chamou mais atenção, o assalto a lotérica do bairro da Cruz, onde um dos assaltantes foi morto ao trocar tiros com um policial que passava pelo local. Nada a opor quanto a conduta do policial, que agiu em legítima defesa, própria e da sociedade. O que quero discutir neste espaço, pedindo a reflexão dos senhores, é sobre o perfil do autor do roubo, que veio a óbito. O meliante de 20 anos de idade, nascido e criado na cidade de Lorena, estudou em escola da rede municipal de ensino e em escola pública estadual. E daí, o que mais? Qual a formação e oportunidade que esta pessoa teve na cidade? Criado por família humilde não teve oportunidade de ter uma boa formação acadêmica, profissional e pessoal, igual a muitos jovens de nossa cidade. Não que isto chegue a ser desculpa para seu ato, mas aproveito a oportunidade para fazer a pergunta: quem são os bandidos? Os jovens que entram na marginalidade, ou os políticos que dirigiram e dirigem a cidade nestes últimos 20 anos. Prefeitos e vereadores, o que fizeram por nossa juventude, quanto investiram na formação e educação desta juventude? Qual é a oportunidade que têm nossas crianças, nossos jovens carentes? Quanto foi investido nestes anos todos em equipamentos, centros esportivos, formação profissional, escolas em tempo integral, e outras coisas necessárias para formação de nossos jovens? Nada, absolutamente nada! Em compensação, ex prefeitos, vereadores, atuais e do passado, melhoraram muito de vida. Ex -secretários de educação então, alguns melhoraram muito, demais mesmo. Pergunto novamente quem são os verdadeiros bandidos, os criminosos? As criaturas envolvidas diretamente na criminalidade hoje, ou este nojento quadro político que só pensou em se locupletar e são os verdadeiros criadores desta marginalidade? Bandidos de colarinho branco. Acho graça quando vejo políticos andando com segurança, pondo alarme nas portas. Estão com medo do monstro que ajudaram a criar. Nas próximas eleições vamos varrer este lixo, pois hoje se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão. Pobre é judiada Lorena Humberto Diniz, é advogado e policial aposentado.

Então tá! por Regina Paula da Rocha Faria É indiscutível que toda ação gera uma reação. Desde 30 de abril p.p. venho ocupando este espaço para expressar sentimentos de saudade, tristeza, descontentamento e, principalmente, indignação. E muitas pessoas me abordam para dizer que compartilham desses sentimentos. São cidadãos que gostariam de ter uma melhor qualidade de vida na cidade em que moram e desfrutar de uma FIB (Felicidade Interna Bruta) alta, a exemplo do Rei do Butão, que instituiu este índice para representar a maior riqueza do seu país. É alentador saber que as suas idéias são as mesmas de outras pessoas que compartilham de igual indignação. Mas a reação que gostaria de fomentar não é de simples correspondência de pensamentos, que logo se esvai após a leitura e não frutifica. Este efeito de ouvir através dos outros o que se gostaria de ter dito proporciona uma sensação de “alma lavada”, que não ajuda na modificação do ‘status quo’. Seria a catarse, que segundo Brecht, torna o homem passivo em relação ao mundo real e que precisa ser evitada. A identificação com os temas abordados enreda o leitor numa teia emocional que não o coloca como protagonista, mas mero espectador. Seria pretensão querer transformar o leitor em um agente capaz de tomar para si sua parcela de responsabilidade? Em alguém que pode e deve enxergar que os falsos valores que regem o mundo podem e devem ser modificados? Ouvi que este esforço de escrever é inútil, pois quem precisaria ser despertado não lê e aqueles que nos governam já se corromperam há muito... Mas desistir é entregar-se e estar vivo é continuar tendo um fiozinho de esperança. Vou continuar amando Lorena e querendo o melhor para a cidade, e enquanto puder, vou tentar provocar a reflexão e o despertar de uma visão crítica e de cidadania através deste espaço. Seria um ideal quixotesco? Se você ainda tem a capacidade de se indignar com situações inaceitáveis, canalize este sentimento para a ação, assumindo consciente e plenamente a condição de cidadão. E isso é possível não vendendo o voto e escolhendo criteriosamente em quem votar. Estando atento aos acontecimentos da cidade e denunciando irregularidades. É importante reunir-se em entidades civis para reivindicar benefícios para a comunidade (e cobrar promessas), sem esquecer que cidadania pressupõe convívio em sociedade, e que a sua liberdade termina onde começa a do outro.

EXPEDIENTE

Gazeta do Vale Diretor e Jornalista Responsável Luciano Augusto de Meira Leite - MTB/SP:34.952 Registrado no CRCPJCL CNPJ: 04.319.396/0001-95 Inscrição Municipal 21072 Rua Oswaldo Cruz, 217 Lorena - SP - CEP 12606-271 contato@popdovale.com.br www.popdovale.com.br

cidades

Tá na fita por Plínio Figueira Aluguéis nunca mais Se você fosse o Prefeito de Lorena, você alugaria a área coberta social do E. C. Hepacaré e colocaria todos os setores da Prefeitura naquele local? Desta forma você colheria maior desempenho dos funcionários onde seria tudo aberto, com os diversos setores separados por biombos de 1,30m de altura. Você teria uma visão ampla, afugentaria os fantasmas e faria uma economia enorme de aluguéis pagando somente um. Empresas grandes fazem isso em São Paulo. Você concorda? Dilma a muralha do bem Nossa Presidenta está enfrentando uma barra pesada, os escândalos dos Ministério dos Transportes e do Turismo. Os sinais de corrupção existentes nos dois Ministérios são evidentes. Agora ela luta contra a corrupção e duas bancadas fortes, uma delas do deputado federal Waldemar da Costa Neto, muito influente no Congresso. Valorizamos as atitudes corajosas da Presidenta Dilma, e fazemos votos de que ela vença esta parada, pelo bem do país. Lugar de corrupto é na cadeia e não representando o povo em Brasília. Tiririca tá certo Ele disse que lá na Câmara Federal parece um bando de loucos, e não dá pra entender nada. Isto porque Tiririca ainda é uma cara puro e bem intencionado. Prisões e demissões Muito mais de 40 prisões e demissões nos Ministérios dos Transportes e do Turismo. Tá na hora, das bancadas do PR e PMDB entenderem que a corrupção é um câncer que está matando o país. O dinheiro desviado daria para oferecer melhor saúde para o povo. Isto é o que os deputados federais prometeram antes das eleições. E agora, como fica? Índice Bovespa Está muito baixo, pois era próximo de 70,000 pontos e com a baixa está em torno de 51.400. É o efeito da crise na economia americana e países da Europa. É uma situação difícil de ser recuperada, e este fato atrapalha e muito a economia interna do país. Dilma a versátil Além dos problemas dos corruptos que habitam Brasília, fortalecidos por seus partidos, a Presidenta Dilma está enfrentando este problema de dimensões internacionais. Ela é muito forte, e Deus e o povo estarão do lado dela, para apoiá-la. Casal feliz A cada noite de sábado, o Engenho do Clube Comercial, mostra mais animação e com muitas surpresas. No último sábado o casal Luiz Orlando de Oliveira e Ana Rosa, estavam numa animação impressionante, juntamente com seu grupo de amigos, todos numa mesa super animada. Parabéns ao casal e componentes daquela mesa. JADS Está entre os três primeiros, e segundo seu técnico Neto Mano Menezes, está trabalhando para conquistar o primeiro lugar. Segundo a torcida o Mano Menezes do JADS é pé quente. Juninho Alemão Quando está de folga lá no Manthiqueira (Guará), o Vila Geni parte sempre pras cabeças, e ganha a partida. Quando não o Vila rebola para ganhar. Este é o papo de torcedor. Churrascaria Delícia renovada para melhor O casal de proprietários Dinara e Elizandro, deram uma bela transformação na qualidade do atendimento e na comida. Fábio de Lorena, na liderança do atendimento, procura sempre dar atenção a todos, e o tempero caseiro em nova dimensão vem fazendo sucesso. Vale a pena conferir. Supermercado JC da Targino O gerente Marton, bem como sua equipe de colaboradores, vem desenvolvendo um trabalho de muita boa qualidade quanto ao atendimento dos clientes. Domingo o estabelecimento da Targino estava lotado, e todos que saíam levavam consigo sacolas e sacolas de produtos. O frango assado já é um sucesso, e dizem que vai melhorar muito mais. Vimos famílias da Vila Geni, Vila Nunes, Vila Brito, Parque Rodovias, Cabelinha, Nova Lorena, Horto Florestal. Parabéns aos proprietários, gerente e colaboradores, e porque não dizer os clientes também. Vergonha nacional A Câmara Municipal de São Paulo aprovou o Dia do Orgulho Heterossexual, que foi refutado pela Organização de Defesa dos Homossexuais. Durma com um barulho desse. Este assunto virou motivo de chacota internacional.

Vox populi por Pe. Rivelino Nogueira

Festa da Padroeira se encerrará nesta segunda-feira

Esta semana iniciou-se a Festa da Padroeira, foi uma semana de muitas bênçãos, pois a nossa padroeira foi trazida com muita festa e alegria pelas ruas da nossa cidade em procissão pelo exército e pela polícia. Ao entrar na Catedral de Nossa Senhora da Piedade, a imagem foi recebida pelo público com muitas rosas e pelas autoridades locais do Exército, pelo prefeito municipal Dr. Paulo Neme, pelo vice-prefeito Dr.Marcelo Bustamante (um dos festeiros de Nossa Senhora da Piedade). A novena foi iniciada pelo Sr.Bispo Diocesano, Dom Benedito Beni dos Santos, que falou sobre a “Plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de uma mulher”. E lembrou ao público presente que estamos no ano jubilar da diocese de Lorena. A novena também contou com a presença dos padres Fernando, que está na paróquia Imaculada Conceição de Cruzeiro (SP), do Padre Fábio de Melo da Diocese de Taubaté, do Padre José Augusto da Canção Nova, Padre Guerra dos Arautos do Evangelho, Dom Moacyr bispo da Diocese de São José dos Campos e ontem a presença especial do Cardeal Arcebispo Emérito de São Sebastião do Rio de Janeiro, Dom Eusébio Oscar Cardeal Scheid. Após a novena aconteceram os shows com Vera Lúcia, Expresso HG, Laércio Oliveira, Fábio Satim e Luciana, Dunga, Anjos de Resgate e Eliana Ribeiro. A novena se encerrará na segunda-feira e teremos ainda a presença de Dom Cláudio Cardeal Hummes, Cardeal Arcebispo Emérito de São Paulo, de Dom Carmo João Rhoden, Bispo da diocese de Taubaté e shows com Banda Elusen, Guto Domingues, Silvio Brito e Adriana. O encerramento da novena, que acontecerá às 10 horas da manhã será transmitido pela TV Canção Nova e pela Rádio Aparecida. Que Nossa Senhora da Piedade abençoe a todos os lorenenses!

Luz, “Câmara” e Ação

A estabilidade política e administrativa de Lorena está cada vez mais abalada. A indefinição da continuidade do prefeito Paulo Neme em se manter no cargo, traz o desconforto e a inquietação de todos nós. Até quando teremos que aguardar o final deste filme? Mas com certeza, não terá um final feliz, seja qual for o seu resultado. Já por quase sete anos estamos acompanhando, a falta de capacidade administrativa, uma gestão sem pulso onde o prefeito não “apita” nem jogo de futebol. A cada período de sua administração, ele escolhe alguém para fazer o seu papel. Será que esta conduta está certa? Será que podemos reclamar no PROCON por comprar um produto e ser enganado? Votamos em um e quem manda é outro!!! Parece até que vivemos em Lorena um modelo monarquista. Nosso Rei escolhe o Primeiro Ministro, pois sua preocupação permanece voltada somente para os benefícios da Coroa. Mas repararem que geralmente os “salvadores da pátria”, não duram muito tempo. Pois é, o Império da Fofoca derruba rapidinho os super secretários e muitos outros importantes servidores da Corte. O engraçado é que parece que estamos assistindo aqueles antigos filmes clássicos, de grandes produções, retratando a monarquia de séculos passados. Nestes filmes, a trama gira em torno de um complô, onde os principais coadjuvantes são os que querem a derrubada do rei. Geralmente é o irmão do rei, apoiado por alguns Conselheiros mal intencionados da Corte, que

Nando Romeiro

criam planos para a tomada do trono. Não estou falando que em Lorena isso está acontecendo (ou não), mas “críticos de cinema”, defendem essa tese. Pois quando assistimos a um filme, cada um tem a sua interpretação. No modelo político brasileiro, o executivo não trabalha se não tiver a maioria do legislativo. Ou seja, o prefeito depende da maioria dos vereadores apoiando suas posições, para poder dar o tom de sua administração. Disso, nosso prefeito não pode reclamar, pois num passado não muito distante, e por muito tempo, ele teve a maioria dos vereadores ao seu lado. Ai você me pergunta: o que aconteceu então, já que no recente processo de cassação, somente um vereador está do lado do prefeito? Estes e outros questionamentos ficam para você responder, e fazer a sua própria interpretação. Pense nisso! Enquanto isso, aumente o som, cobertorzinho no pé e não esqueça da pipoca. Quem disse que o não tem mais cinema em Lorena? Ah! Estava esquecendo: A entrega do Oscar é em outubro de 2012 viu. Luiz Fernando Romeiro Reis


política

Contraponto

por Luciano Meira

Quem sabe agora vai Após haverem sido iniciadas negociações para a eventual construção de um shopping center às margens da Via Dutra na entrada da cidade, quem sabe aquele terreno que deveria ter sido comprado para as casas populares desencalhe. Só falta saber se o “compadre de Caraguá” não tem nada para vender por ali. Eminência parda A tal negociação da área para o shopping tem como representante dos empresários o engenheiro Célio Melilo. Como o almoço para tratar do assunto foi no Restaurante Málaga, há quem diga que ele saiu do governo, pero no mucho. Dança das cadeiras O secretário de Desenvolvimento Econômico Gustavo Rodrigues foi para a NASA, deve ocupar um cargo na Estação Espacial quando a próxima nave russa decolar, em seu lugar assume alguém que já ocupou a pasta, o arquiteto Antônio Willians. Será que ele fica com o Ferla? Movimentação intensa O ex-prefeito Aloísio Vieira (PSC) anda preocupado com a formação de uma chapa de vereadores, e partiu em busca de uma legenda mais consistente, digo que já esteja pronta, depois que as notícias sobre sua saúde jurídica acertou em cheio um punhado de seus ex-pretensos pré-candidatos. Em breve saberemos quem serão os ouvintes do “canto da sereia”. Tempo fechado Na próxima semana, no Clube Comercial de Lorena será realizada a Audiência Pública, do Conselho Estadual do Meio Ambiente para discutir a instalação de uma usina termoelétrica em Canas. Ambientalistas e outros interessados prometem debates intensos. Questão de ponto de vista Quem ouviu o presidente do PSDB de Lorena falando sobre a ida de Fábio Marcondes para o partido, teve a impressão, que o pré-candidato estava sem partido. Quem apertou tecla SAP e ouviu o som original, sabe que a coisa não foi bem assim, muito pelo contrário. Ainda falando de tucanos Na mesma entrevista o presidente disse: “Tínhamos um candidato, mas ele desistiu por algumas questões”. Verdade ele desistiu, eram questões trabalhistas e de financiamento de campanha fora da máquina da Prefeitura. Vai levantar o caneco Pelo andar da carruagem, o prefeito Paulo Neme (PTB) que é bi, em breve deverá ser declarado tri pela Câmara Municipal, tri-cassado. Nóis capota, mas num breca Ari Horta (PT) já em fase adiantada de sua pré-campanha, fechou importante apoio de dois deputados petistas da região. Ainda na passarela Os dois Chicos, Sales e Romeiro, seguem em sua busca por uma legenda, o segundo parece que neste momento leva uma pequena vantagem, com mais de um partido disposto a recebê-lo. Plano B Em reunião esta semana, os PMDBistas de Lorena ouviram o vereador da legenda Galão Aquino dizer que não seria candidato, nem mesmo ao cargo de vereador, se for verdade, e do jeito que a coisa anda, só vai sobrar o cargo de vice do inelegível. Saudades dele Após uma semana sem falarmos das peripércias do Popô, fomos informados que nesta semana para comemoração do Dia dos Pais, sua sogra, Dona Sebastiana foi obrigada a distribuir contribuições entre os netos para que os presentes do genro pudessem ser comprados. Há rumores que ele estaria acometido de uma forte depressão, só de pensar que teria sido esquecido pela sogra.

Ediçao 620 - 13 de agosto de 2011 - página 3

Depoimento de funcionários incrimina Paulo Neme Comissão que apura desvios do FUNDEB ouviu, secretário de Finanças e funcionários da contabilidade da Prefeitura de Lorena Leila Diniz

Luciano Meira Lorena

A Comissão Processante que apura o desvio de verbas do FUNDEB - Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, segue seus trabalhos e ouviu o depoimento de diversos funcionários da Prefeitura, entre eles o secretário municipal de Finanças, Walter Ricardo de Lucia. Em seu depoimento, o secretário informou para os membros da Comissão os valores repassados para a Prefeitura pelo Governo Federal, falou sobre os percentuais que podem ser utilizados e de que forma, mas ao responder a seguinte pergunta: “O prefeito poderia retirar dinheiro do FUNDEB para pagar a Câmara Municipal de Lorena ou outras empresas que não prestam serviços para a Secretaria de Educação?” A resposta foi categórica: “A legislação federal e estadual veda tais utilizações”. Com esta resposta, apesar de dizer que na época dos fatos não ocupava o cargo de secretário, Walter de Lucia, ainda que acompanhado do advogado do prefeito, Dr. Roda que não se manifestou sobre a afirmação, coloca de

forma clara e objetiva que as despesas foram efetuadas em desacordo com a lei. Da mesma forma o funcionário Clélio Quirino de Souza, contador, respondeu a mesma pergunta, porém de forma mais concisa: “Não, não pode”, mas em seu depoimento outras respostas chamam a atenção, como quando o contador responde que o prefeito não havia solicitado nenhuma providência para apurar os desvios denunciados, assim como não viu ele solicitar para nenhum outro servidor. Mais adiante, Clélio ainda fala sobre o pagamento juros e correção monetária incidentes sobre a verba que teve de ser devolvida ao Ministério da Educação por não haver sido utilizada corretamente, e que o pagamento desta despesa financeira foi feito com dinheiro da Prefeitura. Para o presidente da Comissão, o vereador Élcio Vieira Junior (PV) os depoimentos comprovam e existência de irregularidades nas ações do prefeito, e entende que o Ministério Público deveria tomar providências imediatas. “O secretário de Finanças e o contador da Prefeitura estiveram aqui acompanhados do advogado do prefeito, e sim-

Dr. Roda e o secretário Walter de Lucia

plesmente afirmaram que o dinheiro do FUNDEB, mais de R$ 3 milhões foram desviados e sabiam que isto não poderia ser feito. Mais ainda, quando o desvio foi constatado pelo Ministério que exigiu a devolução, os juros e correção foram pagos pelos cofres da Prefeitura quando a lei exige que este tipo de prejuízo seja pago por quem o causou, no caso o prefeito, quer dizer ele cometeu outra irregularidade para devolver o dinheiro da

anterior. Espero concluir os trabalhos da Comissão em mais algumas semanas, e o mais rápido possível votar o relatório em Plenário da Câmara, assim como encaminhar os depoimentos e demais peças ao Ministério Público, algo precisa ser feito com urgência”, disse o presidente. A Comissão Processante tem novos depoimentos marcados para a terça-feira (16), data em que o prefeito foi intimado para comparecer.

Marcelo Alvarenga apresenta Projeto de Lei que obriga a Prefeitura Municipal a dar cursos de capacitação aos funcionários públicos O Vereador Marcelo Alvarenga (PSDB), jovem empreendedor da nossa cidade, vem cobrando o planejamento para que Lorena se desenvolva cada vez mais, apresentou na Câmara Municipal projeto que obriga a Prefeitura a dar cursos de capacitação aos funcionários públicos. “O objetivo desta lei é garantir o bom atendimento da Administração Pública junto a população, pois se os funcionários que prestam o atendimento, independente da área em que atuam, sejam eles guardas, professores, enfermeiros, enfim, com a qualificação constante desses funcionários, a excelência do atendimento será alcançada. E assim a Prefeitura prestará um serviço de qualidade, e a população será atendida com mais eficiência”, explicou o vereador Marcelo Alvarenga.

Marcelo Alvarenga (PSDB)


página 4 - Ediçao 620 - 13 de agosto de 2011

política/cidades

Greve pára EEL-USP por tempo indeterminado Professores, funcionários e alunos participaram de assembléia que decidiu pela greve Luciano Meira Lorena

Desde que a FAENQUIL foi transformada em EEL-USP - Escola de Engenharia de Lorena em 2006, os funcionários administrativos e professores foram transferidos para um quadro de funcionários em extinção da Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia, na prática essa transferência para o tal quadro em extinção representa manter os funcionários até sua aposentadoria, demissão ou morte, excluídos de todas as vantagens trabalhistas eventualmente conquistadas

pelos demais funcionários da Universidade de São Paulo. Após cinco anos, diversas reuniões e duas outras paralisações não foram suficientes para chamar atenção do Governo do Estado para a questão, então, em assembléia os professores, funcionários e alunos da escola de Lorena decidiram paralisar suas atividades a partir de 10/08, sem data para retorno caso suas reivindicações não sejam atendidas. A principal reivindicação dos funcionários é que eles sejam incorporados ao

quadro de funcionários da universidade. Para que isso ocorra, a lei que foi aprovada na Assembléia Legislativa criando a escola de Lorena, deve ter a redação de um de seus artigos alterada, especificamente o artigo que transferiu os funcionários para Secretaria de Ciência e Tecnologia. Com a nova redação do artigo essa transferência seria para a Universidade de São Paulo. Para que isso aconteça, os deputados estaduais paulistas devem aprovar a modificação, mas ela só pode ser en-

caminhada para a Assembléia Legislativa pelo governador, que até o momento não o fez. A direção da escola em Lorena, assim como o Sindicato dos Funcionários emitiram notas sobre a situação, e como era de se esperar cada um defendendo sua posição. DCE Livre da USP também publicou nota oficial declarando apoio aos funcionários e suas reivindicações. A Escola de Engenharia de Lorena - USP tem 1.600 alunos (médio, graduação e pós-graduação), 92 professores e 210 funcionários.

Câmara de Lorena cria telefone 0800 Os vereadores de Lorena aprovaram um projeto de resolução que cria o serviço 0800. Na prática o cidadão poderá ligar para o legislativo lorenense e receber informações, fazer reclamações, críticas e sugestões que desejar, sem ter que se preocupar com o custo da ligação. O telefone deverá entrar em funcionamento tão logo a companhia telefônica faça os ajustes técnicos necessários. Para o presidente da Câmara, vereador Élcio Vieira Junior (PV) a implantação do serviço deverá aproximar o

legislativo dos cidadãos. “De forma simples e rápida o cidadão que desejar poderá fazer contato com os vereadores, além de obter uma grande quantidade de informações sobre a legislação municipal, andamento de projetos, requerimentos, moções, e também exercer seu direito de fiscalizar as ações de seus representantes. É um ganho para a população e para os vereadores, que a partir da instalação terão um canal direto de comunicação, agilizando da forma de interagir entre si”, concluiu.

www.popdovale.com.br

Espaço ADEFIL Espaço Adefil também na Rádio Cultura de Lorena Quintas- feiras das 8h30 às 9h Rádio Cultura AM 1460 A serviço da informação e inclusão social

Diabetes o inimigo sutil Por Stela Gonçalves No último Espaço Adefil, um dos assuntos abordados foi o “silencioso” diabetes, doença que, segundo a Federação Internacional de Diabetes (FID), atinge mais de 10 milhões de brasileiros, ou seja, a população de uma cidade do tamanho de São Paulo. Os dados são assustadores, não é mesmo? De acordo com os relatórios da FID, 50% dos portadores de diabetes nem desconfia que tem a doença; isso porque nem sempre os sintomas se manifestam ou, são sutis demais. O diabetes nada mais é do que um distúrbio metabólico causado pela falta relativa ou absoluta de insulina no organismo. Insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas e tem a função de facilitar a absorção da glicose pelo organismo. Quando a insulina é produzida em quantidade insuficiente ou atua de forma inadequada, a glicose deixa de ser absorvida pelas células e acumula-se no sangue. É preocupante o fato de muita gente nunca ter medido a taxa de glicose no sangue, uma medida simples que pode favorecer o tratamento, evitando complicações. Algumas deficiências físicas como amputação de membros e cegueira, podem ter origem em doenças como os diabetes. Além disso, se os níveis de açúcar no sangue não forem devidamente controlados com medicamentos, insulina, dieta alimentar e exercícios físicos, pode-se desenvolver também: catarata, enfarto do miocárdio, gangrena provocada pela diminuição da circulação arterial no pé e na perna, impotência sexual masculina, doenças pulmonares e circulatórias, insuficiência renal e hipertensão arterial. A Sociedade Brasileira de Diabetes destaca as principais estratégias para o controle açúcar no sangue: Informação, motivação pessoal, disciplina, força de vontade, controle domiciliar da glicemia, apoio social e familiar e equilíbrio emocional. Tudo isso, combinado com medicação adequada, dieta e exercícios. E o único jeito de saber os níveis de açúcar no sangue é medir a glicose. O exame é feito em jejum. No adulto, são oito horas de jejum. Na criança, três horas são suficientes. Depois, enxuga-se a mão e passa-se um pouquinho de álcool no dedo. Pega-se um aparelhinho que tem uma agulha e dispara-se essa agulha no dedo. Espremendo, sai uma gotinha de sangue. No aparelhinho tem uma fita que faz a leitura do açúcar no sangue. Se der abaixo de 100, é porque está normal. Se o valor for acima de 126, é a faixa de diabetes. Nesse caso, o exame deve ser repetido no dia seguinte, outra vez em jejum. Se der acima de 126 mais uma vez, é preciso procurar um médico para fazer outros exames porque esta é a faixa do diabetes. Sintomas como: boca seca o tempo todo, sede que não passa mesmo quando se bebe muita água, fome exagerada, emagrecimento, urina em excesso, cansaço, dores nas pernas, machucados que não cicatrizam, visão embaçada, podem ser sinais da doença. Mas mesmo que você não tenha nenhum desses sintomas, faça um exame de sangue para medir a glicose uma vez por ano. Sem controle, o diabetes pode virar uma doença muito grave, mas com cuidados como as citados a cima, dá para evitar as complicações.

Faça parte dessa missão - Conheça e colabore com a Adefil, entre em contato pelos telefones: (12) 3157-4866 ou (12) 3153-0412. E-mail: comunicacaoadefil@terra.com.br ou visite-nos na Rua Tiradentes, n°140, Cidade Industrial Lorena – SP.

Câmara Municipal de Canas RELAÇÃO DE CONTRATOS 2011 O Presidente da Câmara Municipal de Canas, João Antonio Marton Neto, em atendimento as determinações do Tribunal de Contas do Estado, relaciona os seguintes contratos e termos aditivos firmados em 2011, até a presente data: 1-Contrato 01/2011, celebrado em 01/02/2011 com a empresa Adenira Barreto ME, pelo período de 11 meses com valor de R$ 2.200,00 (R$ 200,00 mensais), para transmissão das sessões legislativas ao vivo – on line, e disponibilizar os arquivos das sessões no site da Câmara Municipal, realizado com recursos próprios, sendo dispensada a licitação em razão do valor, nos termos do art.24, II da lei 8666/93. 2-Contrato 02/2011, celebrado em 02/02/2011 com a empresa Net Fácil Sistemas Eletrônicos Ltda ME, pelo período de 12 meses com valor de R$ 936,00 (R$ 78,00 mensais), para prestação de serviços de monitoramento de alarmes e segurança privada, realizado com recursos próprios, sendo dispensada a licitação em razão do valor, nos termos do art.24, II da lei 8666/93. 3-Contrato 03/2011, celebrado em 20/06/2011 com a empresa Griffon Brasil Assessoria LTDA, pelo período de 12 meses com valor de R$1.020,00 (R$85,00 mensais), para prestação de serviços técnicos especializados em administração pública, mediante sistema de assinatura (publicações diário oficial), realizado com recursos próprios, sendo dispensada a licitação em razão do valor, nos termos do art.24, II da lei 8666/93. 4-Contrato 04/2011, celebrado em 01/07/2011, com a empresa CCB4 CONSTRUTORA LTDA, para prestação de serviços na realização de instalações elétricas e manutenção das instalações elétricas da Câmara Municipal, no valor de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais), com pagamento a vista, realizado com recursos próprios, sendo dispensada a licitação em razão do valor, nos termos do art.24, II da lei 8666/93. 5-Termo Aditivo (ao Contrato 05/10), com fundamento no art.57, II e IV da lei 8666/93, celebrado em 01/02/2011, com a empresa Rádio Cultura de Comunicações LTDA, pelo período de 11 meses com valor de R$11.000,00 (R$ 1.000,00 mensais), para transmissão radiofônica das sessões legislativas, realizado com recursos próprios. 6-Termo Aditivo (ao Contrato 02/09), com fundamento no art.57, II e IV da lei 8666/93, celebrado em 31/03/2011, com a empresa Brasileira de Tecnologia Ltda, pelo período de 12 meses com valor de R$ 9.000,00 (R$ 750,00 mensais), para prestação de serviços especializados na área de informática, realizado com recursos próprios. Canas, 09 de agosto de 2011. JOÃO ANTONIO MARTON NETO Presidente


cidades

Ediçao 620 - 13 de agosto de 2011 - página 5

Cidadãos e especialistas de Lorena e região visitam termoelétrica em Macaé Letícia Nascimento Macaé - Rio de Janeiro Especial para o POP

Divulgação

Preocupações relacionadas ao ruído, à qualidade do ar e ao uso sustentável da água nortearam na última terça-feira a visita de aproximadamente 40 representantes do Vale do Paraíba a uma usina termoelétrica em Macaé, no Rio de Janeiro. A viagem organizada pela direção da AES Tietê, empresa que pretende instalar uma unidade em Canas, contou com a presença do secretário de Cultura do município, professores, engenheiros, moradores da região e jornalistas. No entanto, apesar de convidado o COMMAN (Conselho Municipal de Meio Ambiente) de Lorena que é a mais importante entidade contrária à instalação da usina não

foram levados para uma sala e recebidos pelo diretor da unidade, onde foi apresentada a instalação por meio de slides e vídeo. O grupo ainda recebeu itens de segurança como capacete, óculos e protetores auriculares. A utilização de máscaras não foi necessária, caindo por terra o mito de que a usina pode gerar odor e gases nocivos constantemente. Muito discutida entre as pessoas que são contrárias a instalação da termoelétrica no Vale, a dispersão da fumaça e do vapor também foi alvo de muita observação durante a vista a Macaé. A cidade está no litoral fluminense onde os ventos são constantes e Canas fica localizada entre duas serras. O gerente de projeto da AES Tietê, Rodrigo Sartori, alega que em relação a dispersão de

Já para o professor universitário e biólogo, Paulo Senna, o assunto precisa ser mais bem estudado. “Foi bom ver como funciona porque ajuda a ratificar que não temos um ambiente similar. Canas fica entre serras e aqui (Macaé) é beira-mar”. Na última terça-feira a UTE Norte Fluminense operou com a carga máxima e o ruído causado pelo maquinário é semelhante ao de qualquer outra indústria. Durante a caminhada realizada no entorno da usina todos conseguiam conversar com nível de voz normal, sem dificuldades para escutar. “Quisemos mostrar realmente qual é o impacto causado, as emissões de gases, de ruído e o tratamento da água. Por isso achamos importante esse contato dos representantes do Vale com os trabalhadores de Macaé. Sabemos que assim teremos um debate coerente”, disse o vice-presidente de novos negócios da AES Tietê, Olivier Marquette. A vegetação no entorno da usina chamou a atenção dos visitantes. Próximo do local é possível avistar plantações de arroz e criação de gado. Nos jardins internos da usina há árvores frutíferas como jaca e mamão.

enviou nenhum representante. O dia amanheceu encoberto em Macaé e o céu azul foi aparecendo aos poucos, o que chamou atenção de alguns visitantes que esperavam se deparar com uma nuvem cinza de poluição nas imediações da usina. Ao chegar na usina foi possível perceber os cuidados com a segurança de quem visita o local. Todos os convidados

gases diversas providências estão sendo tomadas. “Isso de forma alguma desclassifica o município de Canas para receber um empreendimento deste porte. Estamos complementando os estudos da serra, vamos ampliar para um raio de 40 km e vamos adaptar o projeto para a região, cumprindo toda a legislação ambiental sobre condições atmosféricas e qualidade do ar”.

Técnicos da UTE Norte Fluminense e da AES Tietê fazem palestra para visitantes

A UTE Norte Fluminense está localizada no município de Macaé, a pouco mais de 150 km da cidade do Rio de Janeiro, operando há seis anos com índice zero de acidentes fatais. No local é produzida energia elétrica a partir da utilização de gás natural da Bacia de Campos, similar ao projeto da AES para Canas que usará o combustível, o gás natural vin-

do do campo de Mexilhão, na bacia de Santos. A diferença entre as unidades é que a carioca conta com três turbinas e a paulista terá duas. Embora as usinas façam parte de empresas diferentes do mesmo segmento, a tecnologia usada em nossa região será igual a adotada no estado vizinho. O sistema operante em Macaé e que será usado em Canas é chamado de “Ciclo Combinado” no qual a água é captada do rio, tratada e usada no resfriamento do maquinário. O vapor é condensado, passa por um novo tratamento para a retirada de sais e a água é devolvida ao rio. “Temos duas grandes piscinas onde tratamos essa água antes de devolvermos ao meio ambiente nas mesmas condições, na verdade, muitas vezes até mais limpa do que foi coletada. Já estamos trabalhamos no desenvolvimento de um sistema onde futuramente não precisaremos devolver a água e a reutilizaremos diversas vezes neste processo. Assim iremos captar menos água do

Na segunda-feira 15 de agosto, a partir das 8h, o Grupo Lorenenses contra Dengue/ Limpa Lorena realizará um mutirão de limpeza e manutenção das margens da linha férrea entre o Colégio Adventista e a Paróquia Cristo Rei. A empresa MRS Logística já se comprometeu em realizar a limpeza dentro de sua área.

A idéia desta ação é conscientizar o cidadão lorenense sobre a responsabilidade que cada um tem a respeito de hábitos de higiene e limpeza urbana, bem como sobre a seriedade de como deve ser feita a busca por criadouros dentro de suas residências. Todo mundo deve ter em mente que Lixo na rua resulta

Instalações

O vice-presidente de novos negócios da AES Tietê, Olivier Marquette

Letícia Nascimento

COMMAN de Lorena não envia representante, e visitantes conheceram usina semelhante a que deverá ser instalada em Canas

rio”, explica o diretor da UTE Norte Fluminense, Philippe Quenet. Atualmente a UTE conta com 75 funcionários diretos e outros 45 terceirizados que atuam principalmente nos setores de limpeza e manutenção. No período de instalação 2.500 pessoas trabalharam na obra. Em Canas a previsão é que na construção da usina sejam gerados 750 empregos e outras 30 vagas sejam abertas quando tudo estiver pronto. “A gente está falando de um empreendimento de impacto regional. Temos perspectiva de absorver mão-de-obra, contratação de serviços e produtos não só de Lorena e Cachoeira Paulista, como de todas as outras cidades do Vale do Paraíba”, diz o gerente de projeto da AES Tietê Rodrigo Sartori.

Audiência pública

Na próxima quinta-feira, 18 de agosto, o CONSEMA (Conselho Estadual de Meio Ambiente) promoverá mais uma audiência pública sobre a

instalação da termoelétrica em Canas. O debate será realizado a partir das 17h no Clube Comercial de Lorena. No encontro serão apresentados os Eia/Rima (Estudo e Relatório de Impacto Ambiental) do empreendimento. Para o presidente do Comitê de Águas de Lorena, Celso Giampá, o debate poderá ser mais bem embasado durante a audiência. “A gente tirou muitas informações interessantes para mostrar às pessoas e percebemos que houve um pouco de exagero na divulgação dos impactos ambientais que poderão ser causados”. O secretário de Cultura e Turismo de Canas, Antônio Sidney Ferreira dos Reis, acredita que a visita serviu para acabar com alguns mitos sobre a termelétrica. “Estando participando, visitando, visualizando a usina, as pessoas conseguem perceber o que é uma termoelétrica. Para a audiência acho que quem não foi a Macaé pode procurar os que foram e tirar as dúvidas”.

Lorenenses contra a Dengue farão nova ação de limpeza na segunda-feira em doença! Que água parada resulta em Dengue! Na ocasião, profissionais da SUCEN estarão a postos em barracas à disposição da população para esclarecer qualquer dúvida a respeito da Dengue, doença que acometeu grande parte da população lorenense. Haverá material informativo a disposição da população e

material didático educativo. Sabemos que o poder público da cidade vive um período de conflito, mas estamos certos de que o bem estar, a vida dos lorenenses devem estar sempre acima de qualquer impasse.

Decisão do Supremo beneficia candidatos de concursos públicos no país A decisão do Tribunal beneficia candidatos de concursos públicos em todo país. As instituições terão de nomear os aprovados. O poder público poderá decidir quando haverá a contratação do aprovado, mas será obrigado a contratá-lo. A decisão do Supremo foi unânime. No entender do relator, ministro Gilmar Mendes, se as vagas estavam previstas no edital, significa que há condições financeiras para arcar com aquele número de funcionários. Só em casos excepcionais, como crises financeiras, catástrofes ou calamidade pública é que a regra pode ser revista.


página 6 - Ediçao 620 - 13 de agosto de 2011

cidades

Centro da 3ª Idade de Lorena 7º Festa comemora 31 anos Italiana de Canas foi um sucesso

O Centro de Convivência da Terceira Idade “Palmeiras Imperiais” de Lorena comemorou 31 anos e existência. Fundado em 28 de julho de 1980, o centro teve como seu primeiro coordenador o Milton Corrêa de Medeiros. A finalidade do centro é o desenvolvimento pessoal do idoso através do lazer recreativo, cultural e social. O centro conta com 204 sócios e funciona diariamente com diversas atividades. O baile com música ao vivo acontece todas quintas e sábados a partir das 19h. O atual coordenador do centro é José Monteiro de Souza. O casal de associados Arapy e Maria Auxiliadora frequentam o centro há 25 anos e só tem eleogios“. Aqui passamos momentos alegres e descontraídos na companhia dos amigos”, disse Arapy que por quatro vezes comandou o centro.

A 7º edição da Festa Italiana de Canas foi um sucesso! Durante as quatro noites da Festa Italiana o Espaço Cultural de Canas ficou repleto de visitantes de toda a região que puderam apreciar a cultura italiana em Canas. Muitas

Maria do Céu, Marçal e Daniel

Clube Comercial de Lorena Meninos do CCL vencem Campeonato Municipal de Futebol

Os jogadores das categorias sub-10 e sub-12 do Clube Comercial de Lorena venceram no último final de semana o Campeonato Municipal de Futebol. Pela categoria sub-10 o CCLorena venceu o Guarani por 3 a 0. Jogando pela categoria sub-12 o CCLorena venceu por 1 a 0 o Guarani. Os dois times do CCL também tiveram a melhor defesa do campeonato, o associado Evandro Junior da categoria sub-10 ganhou o titulo de melhor jogador, e os associados João Paulo, categoria sub-10, e Pedro Hugo “Thierry”, categoria sub-12, foram os artilheiros. O Clube Comercial de Lorena parabeniza os seus associados por mais essa conquista.

CCL recebeu a grande final da III Etapa Regional de Jiu-Jitsu

O Clube Comercial de Lorena recebeu no último domingo a III Etapa do Circuito Regional de Jiu-Jitsu. O evento promovido pela Livajj (Liga Valeparaibana de Jiu-Jitsu) contou com disputas de diversas categorias de peso, tanto masculina quanto feminina, e atraiu um grande público. Os campeões das principais categorias receberam prêmio em dinheiro que variou de R$ 100 a R$ 500. Presidente: Luiz Fernando de Almeida Ribeiro Vice-presidente: Adriano Aurélio dos Santos Responsável pelos textos: Michelly Xavier

massas, vinhos, apresentações de danças e músicas alegraram os visitantes. De acordo com a Diretoria de Cultura mais de quinze mil visitantes passaram por Canas durante a 7º Festa Italiana de Canas. Confira as fotos.


Polícia Rodoviária apreende dois quilos cocaína em Cachoeira Paulista

cidades/polícia

Ediçao 620 - 13 de agosto de 2011 - página 7

Militar é morto na porta de casa Polícia suspeita de crime passional

Paride Zanini

O corpo de Tiago dentro do carro Luciano Meira Colaboração Paride Zanini Lorena

A droga apreendida pelos policiais Luciano Meira Colaboração Paride Zanini Cachoeira Paulista

Quatro pessoas foram presas em flagrante na tarde da terça-feira (09/08) na rodovia Presidente Dutra. Eles foram flagrados pela Polícia Rodoviária Federal com dois quilos de cocaína. Os policiais da Força Tática da Polícia Rodoviária Federal suspeitaram de um veículo no trecho de Cachoeira Paulista, no sentido Rio

de Janeiro, e realizaram a abordagem. Ao revistarem o carro foram encontrados aproximadamente 2 quilos de pasta base de cocaína. A quadrilha formada por dois homens, um de 26 e outro de 19 anos, e duas mulheres, ambas de 26 anos, foi encaminhada à delegacia da cidade. “A cocaína está prensada e vamos verificar se ela estava pronta para a comercialização. São dois quilos saindo das

Paride Zanini

ruas”, comemorou o delegado de Cachoeira, Dr. Mario Celso. Em depoimento, os marginais disseram que compraram a droga em Lorena e iriam revendê-la em Lavrinhas. Todos foram autuados em flagrante por tráfico de entorpecentes, os homens foram recolhidos à cadeia de Cachoeira, já as mulheres foram levadas para Queluz. A polícia não divulgou os nomes dos presos.

Na segunda-feira (08/08), o soldado do 5º Batalhão de Infantaria de Lorena, Tiago de Souza, 22 anos, foi assassinado com quatro tiros, quando saia de sua casa na Av. Gil Inácio, Parque das Rodovias. O soldado não tinha passagens pela polícia e era tido

como um jovem tranquilo. Segundo informações obtidas junto aos moradores do bairro, que preferem não se identificar. Ele estaria tendo um relacionamento amoroso com a amásia de um conhecido marginal da cidade que está preso na Cadeia Pública de Guaratinguetá, na linguagem popular entre os marginais, Tiago era um “Talarico”, apelido dado aos que se relacio-

nam com mulheres de presos. O delegado encarregado das investigações, Dr. Braga disse que já há denuncias identificando os dois autores dos disparos que mataram o militar, e que todas estão sendo investigadas. “Ainda precisamos de mais algumas confirmações, mas acredito que em breve teremos este crime solucionado com a prisão dos responsáveis”.


pรกgina 8 - Ediรงao 620 - 13 de agosto de 2011

esportes


O Popular do Vale