Page 1

Projeto “Caxiri na Cuia” difunde cultura indígena em Lorena página 7

o popular

Ano XIII nº 637 - Vale do Paraíba/SP, 10 de dezembro de 2011

www.popdovale.com.br

Dois quilos de cocaína, material para “batizar” a droga e 40 pedras de crack foram apreendidos pela polícia página 7

Moradores do Jardim Primavera pedem socorro

página 3

Rua do bairro com entulho deixado pela Prefeitura

Drogas, insumos, embalagens e arma apreendida

OVISA realiza jantar dançante anual beneficente

Aproximadamente 350 pessoas, entre amigos e participantes, estiveram presentes página 5

Coordenadores do OVISA e Padre Rivelino

“Papai Noel dos Correios” propaga espírito natalino em Lorena página 5

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Jantar de confraternização no Rodrigo’s Cabeleireiro página 7

Neste domingo, 11/12, a Pernambucanas estará aberta das 09 às 18h


página 2 - Ediçao 637 - 10 de dezembro de 2011

Então tá! por Regina Paula da Rocha Faria A Seleção Brasileira de Futebol é a Pátria de chuteiras. Nelson Rodrigues No fim de semana passado, com a final do Campeonato Brasileiro, pudemos ver o quanto o futebol é uma paixão nacional. Por algumas horas, quase tudo girou em torno da esperada partida de futebol. E como o sentimento de paixão é irracional, assistimos com tristeza atos de violência, como torcedores se agredindo, depredando patrimônio público e particular, chegando até a ocorrências de morte. A disputa do nobre esporte bretão se transforma numa praça de guerra e a polícia precisa entrar em campo para conter aqueles que não entendem o esporte mais popular do Brasil como uma saudável diversão em que a competição, para existir, precisa que haja outras agremiações e seus torcedores. Um exemplo de que o futebol está tão presente no cotidiano dos brasileiros é ouvido quando se quer dizer a extensão de uma área, como a da devastação na Amazônia, e diz-se que é equivalente a 3 mil campos de futebol. É a forma que se usa para as pessoas formarem uma ideia mais clara do desastre ecológico. E são muitas as expressões que têm o futebol como inspiração. Seguem algumas: Estão sobrando políticos que ‘levam bola’, ou seja, aqueles corruptos que recebem suborno, vendem o voto e aprovam contas que já foram recusadas pelo Tribunal de Contas, por exemplo. E se alguém comete uma falha, ele ‘pisa na bola’. Mas se alguém acerta um objetivo, foi ‘bola na rede’. Aquele que está desanimado, com pouca energia, está ‘com a bola murcha’. Ouve-se muito também ‘não mexer em time que está ganhando’. E se alguém encerra as atividades, ele ‘pendurou as chuteiras’. E se um grupo é o principal e está melhor organizado, diz-se que é de ‘primeiro time’. E se alguém está com muito prestígio, ele ‘está com a bola toda’. E quem tem o controle da situação é ‘o dono da bola’. E se você não vai interferir nas coisas, então vai ‘deixar a bola rolar’. Mas se alguém transfere a outrem a responsabilidade por um assunto, ele ‘passou a bola’. O puxa-saco que faz elogios rasgados, está ‘enchendo a bola’ de alguém. E o cara que tem mau desempenho é ‘ruim de jogo’. Mas o que é uma verdadeira ‘bola fora’ é o torcedor brasileiro não dedicar à política pelo menos uma parte do seu interesse pelo futebol. Se ele se preocupasse em se informar e exercer sua função de cidadão, como muitos torcedores se devotam à pelota, é bem possível que muito político ‘perna de pau’ já estivesse expulso de campo. Nomes de rua: Você sabe quem foi Sérvulo Gonçalves? Nasceu em Lorena, em 23 de dezembro de 1856. Desde cedo demonstrou interesse pelos estudos e com apenas 19 anos, em 1875, fundou com Jorge Rodrigues o semanário A Juventude, onde publicou seus primeiros versos. No período em que residiu em Taubaté colaborou com o jornal Imprensa de Taubaté, onde expressou suas idéias de ardoroso republicano e abolicionista. Seu artigo intitulado “Lede povo”, publicado em um jornal de Rezende alcançou grande repercussão, servindo de bandeira para campanhas políticas da época. Decretada a Abolição e a República, Sérvulo Gonçalves foi nomeado Intendente da Câmara de Rezende. Já em Lorena, ocupou os cargos de Escrivão de Paz e Oficial do Registro Civil. Em 1906 fundou, com a colaboração de outros, o Centro Social Beneficente de Lorena, sendo seu mais duradouro presidente. Publicou Cantos da Montanha e Flores do Sertão, e deixou inéditos outros dois volumes, além de muitas poesias, contos, artigos humorísticos, entre outros trabalhos literários. Embora sua obra seja pouco divulgada e desconhecida, foi considerado o maior poeta lorenense. Além de ter recebido a homenagem de ser nome de rua é o patrono da Biblioteca Municipal. Faleceu em 1º de março de 1923.

EXPEDIENTE

Gazeta do Vale Diretor e Jornalista Responsável Luciano Augusto de Meira Leite - MTB/SP:34.952 Registrado no CRCPJCL CNPJ: 04.319.396/0001-95 Inscrição Municipal 21072 Rua Dom Bosco, 124, apto. 3 Lorena - SP - CEP 12600-100 contato@popdovale.com.br www.popdovale.com.br

cidades

Mais Book do que Face

Vox populi por Pe. Rivelino Nogueira

por Prof. Humberto Felipe da Silva

O sistema de compras da USP No artigo anterior discuti alguns aspectos sobre a importância da expansão do sistema de ensino em nossa cidade. Certo que esta expansão vem acontecendo em decorrência da demanda nacional e regional pela educação superior. Não foi fruto de um projeto municipal de desenvolvimento, aliás, Lorena sente falta de um projeto de desenvolvimento de longo prazo. Mas, voltando à expansão do sistema de ensino, algumas providências precisam ser urgentemente tomadas pela cidade para abrigar esta expansão, que é muito bem vinda por sinal. Entre estas poderíamos citar a reavaliação de todo o sistema viário da cidade, implantação de um sistema de conectividade física e virtual, definição de um plano de segurança (precisamos de um plano emergencial de curto prazo também), redefinição do aparelho social urbano, implantação de um modelo de recreação e lazer. Estas são apenas algumas das providências que o município precisa urgentemente pensar, além é claro de algumas discussões que a USP provocou com a municipalidade como: moradia estudantil, transporte urbano de alunos, acesso à USP, etc. Mas, tudo isto tem um custo e não é baixo. Como obter recursos para investir na cidade e aumentar o potencial que a expansão do ensino pode trazer? Com uma gestão competente dos recursos municipais e principalmente com aumento da arrecadação. Isso se dá com o fortalecimento da atividade econômica local. Um ponto que quero discutir é a capacidade do empresariado local fornecer para o segundo maior orçamento da cidade. Fornecer para a USP exige um nível de profissionalização específica do sistema de vendas. Isto, ao que tudo indica, uma parcela considerável de nossos empresários ainda não conseguiu alcançar. O sistema de aquisição da USP é complexo para o entendimento de muitas empresas de pequeno porte, mas pode ser compreensível. Um dado com o qual precisamos nos preocupar é que a FAENQUIL tinha a cidade como uma grande fornecedora. Com a implantação do sistema USP de compras houve uma redução significativa das compras locais. Não porque a USP não queira comprar localmente, aliás, ficou muito claro no discurso do Reitor da USP o interesse daquela universidade em contribuir para o desenvolvimento da cidade. Mas, por que o fornecedor lorenense ainda não conseguiu se adequar às normas e exigências do sistema de compras daquela Universidade? Afinal, o orçamento daquela instituição tem crescido na cidade e a previsão para 2011 é de algo próximo a 100 milhões de reais. Sugiro às lideranças empresariais do município que convidem os especialistas do sistema de compras da USP-SP para que explanem para os empresários da região as exigências, necessidade, procedimentos, rotinas, etc. Questionei algumas lideranças a este respeito, a resposta é que no geral o empresário local conhece a lei de licitação. A pergunta que fica é, será que isso é suficiente? Acho que não, pois, a informação é de que a cidade não está conseguindo atender como deveria às necessidades da USP.

Conformismo, essa moda pega! Algo vem me incomodando muito nestes últimos tempos. São as pequenas ações da Administração Pública, tratadas por muitos como se fossem algo fora do comum e dignas de uma estátua ou algo parecido. Nas redes de relacionamento, por exemplo, órgãos oficiais fazem citações como se fossem um marco dos trabalhos nunca visto em nossa cidade. Acredito que pelo descaso, a falta de comprometimento e ações na maioria das vezes “politiqueiras”, qualquer ação corriqueira de até mesmo de uma varrição de rua nos leva a pensar numa significativa ação extraordinária do Poder Público. Não podemos nos deixar levar pelo fato de estarmos tão “carentes” dos serviços públicos básicos, e reverenciarmos as mínimas ações que não passam de obrigações normais em qualquer administração que se preze. O que aumenta minha revolta é acompanhar as várias cidades vizinhas que crescem a toque de caixa. Ainda não vejo nada que mereça aplauso para os nossos administradores. O desenvolvimento da maioria das cidades do nosso Vale é muito além de Lorena. Não quero aqui citar exemplos, acho desnecessário, pois está aí para quem quiser enxergar. Devemos dar um desconto pelo fato do atual prefeito assumir a administração há tão pouco tempo, mas acho

Fernando Romeiro

que pelo menos já houve tempo suficiente para entender que é urgente e necessário, enxugar a máquina administrativa, reduzir o número absurdo de secretarias e uma diminuição radical dos cargos de confiança. Cargos já apontados por uma Ação Civil Pública chamando a atenção pelo absurdo do número de funcionários sem concurso. E essa questão do Shopping então? Tenho plena convicção que a instalação deste empreendimento será fantástica para nossa cidade, mas estão fazendo um barulho enorme antes mesmo da área ser comprada e o negócio ser concretizado. Por mais quanto tempo ainda seremos coniventes com essa tão ridícula e ineficaz administração, que se arrasta ao longo de tantos anos? Absurdo ainda maior é a falta de sensibilidade de achar que tudo está as mil maravilhas e não questionar. Aceitar com naturalidade que nossa cidade está ficando cada vez mais para trás e que temos que acostumar com essa condição naturalmente. Pense nisso!

Nesta semana excepcionalmente a coluna Vox Populi não será publicada. Retornando na próxima edição.

FALE CONOSCO contato@popdovale.com.br www.popdovale.com.br

Tá na fita por Plínio Figueira Corinthians campeão Está de parabéns a nação corinthiana pela conquista do título de Pentacampeão Brasileiro. A garra corinthiana predominou em todo o campeonato, o que calcifica ainda mais o título conquistado. Líder Lula O líder corinthiano Lula, não poderia ter recebido melhor presente que o titulo de Pentacampeão Brasileiro. Amenizou e muito os momentos difíceis que está passando. Aguardamos você aqui nas arquibancadas torcendo pelo Timão. Dilma a muralha Apesar dos tucanos estarem tentando desestabilizar o Governo Dilma, o que ainda não conseguiram, mesmo com o Presidente Lula em tratamento. A presidenta está firme no timão de seu governo conseguindo manter a estabilidade da nação. Vivenciamos momentos de crise mundial, com diversos países do primeiro mundo envolvidos, e o Brasil, até agora permanece ileso, parabéns Presidenta Dilma. Ah, se eu pudesse... Voltar ao passado e entrar firme nos documentos dos governos liderados pelo PFL e PSDB. Acredite se quiser, talvez encontrássemos tudo certinho, sem corrupção, sem comedeira, sem funcionários fantasmas no Senado, na Câmara Federal, aí o Zé Bobinho acordou e viu a realidade daquele tempo dos tucanos e liberais, que era tudo diferente. Especialistas em ficarem sempre com o poder. SABESP Vem executando um bom trabalho na Av. Targino Vilela Nunes, refazendo as ligações das residências. Charles e Dante estão na expectativa que tudo dará certo. Nova Pizzaria No sistema delivery, a Pizzaria San Luigi, vem conquistando o mercado de Lorena. As pizzas podem ser entregues com bordas a gosto do clliente. Fone 3152 5277, Rua Cel. José Vicente, 704. Super Promoção às quartas-feiras. Clientes como a Valéria, tem recomendado a Pizzaria San Luigi. Pão de Açúcar O supermercado tem apresentado um visual bem diferente dos anteriores, como também uma atuação melhor no segmento das ofertas e promoções. Sentimos que o movimento melhorou, pois a frequência aumentou, e aí encontramos a razão desse feito. É a experiência do novo gerente Adriano, que acompanha de perto tudo o que acontece. É um marketeiro de primeira, parabéns. Prefeitura novos inimigos Em dezembro, com as chuvas, a Prefeitura ganhou novos inimigos, que são os buracos de rua, que prejudicam, e muito o comércio e a população. Tudo indica que a nova administração já tem um esquema preparado para esse período das chuvas. O importante, é não esquecer a participação do Jairo, nesse esquema. Vamos lá Jairo 30 horas. Jonas e Matheus A dupla sertaneja dos irmãos Jonas e Matheus estará se apresentando na Praça Arnolfo de Azevedo, na noite de 14 de dezembro, a partir das 20h. Essa dupla vem se apresentando na TV Canção Nova, TV Aparecida, TV Canal 21. TV Canal do Boi, e muitas outras rádios. Taí uma sugestão, para as rádios Metropolitana e Transamérica colocarem nas programações o CD dessa dupla de Lorena. Professor Carlinhos O professor Carlinhos e seus alunos estarão se apresentando na noite de 22 de dezembro. É um espetáculo bonito e com muita categoria. Vale a pena conferir. 2012 Estarão desfilando na passarela: Kátia Memorial, Belo Móveis, Coelho, Ari Horta, Chico Romeiro, Luiz Fernando (Presidente Clube Comercial), Marcos Sales, Mafú e Luizão, Pedro Vila Brito, Carreirinha, e muitos outros.


política

Contraponto

por Luciano Meira

Novos tempos Um indicador que Lorena vive uma nova fase, é haver chegado em dezembro e não se ouve falar em Futgay. A viagem do ano Sou o Felino Maquiado, não consigo explicar para onde foi o dinheiro do emplacamento de bicicletas, não consigo que se SINALIZE a cidade descentemente, não consigo baixar o preço da passagem do ônibus, o transporte coletivo continua um lixo e ainda servi uma pizza de queijo mineiro que deu indigestão em muita gente. Agora vou participar do Programa do Gugu no quadro de volta para minha terra, mas quem sabe pego uma carona para Minas Gerais no ônibus da Teixeira em janeiro. Ampliando Silvinho Ballerini mesmo sem fazer o barulho que seus concorrentes vem fazendo, já anda a passos largos no sentido de ampliar sua base de apoio, assim como já está em vias de viabilizar financeiramente sua campanha. Foi truco ou truque? Há quem diga que a saída de Marietta Bartelega (PMDB) da disputa eleitoral teria sido apenas um recesso na temporada de assédio ao bolso do candidato. Jogo de cena Apesar de ainda manter o discurso, o vereador Dr. Martinho (PSB), a cada dia está mais para vereador novamente que prefeito. Mandando bem Mesmos sem ser nomeado oficialmente, o vereador Marcelo Alvarenga (PSD), ocupa o posto de líder do governo na Câmara Municipal, habilidoso nas palavras e nas ações tem mantido o equilíbrio de forças entre Executivo e Legislativo. Herança Após uma temporada de baixo astral, Zé Barata retorna ao cenário político com forças renovadas para trabalhar na campanha do Tão (PR), que herdou o cabo eleitoral do seu irmão o ex-vereador Vaguinho (PR). Mais do mesmo Outro candidato do PR o popular Rubão, o homem que é da terra, mas não é minhoca e, que matou o Dragão, mas não é São Jorge, corre por fora e diz que o Zé Barata também tem algo para oferecer na sua campanha. Favas contadas Após fazer as contas, o vereador Galão Aquino (PTB) está tão seguro que a chapa de pintinhos do partido dará conta do recado, que já dispensou a assessoria de comparecer ao gabinete, mantendo o pessoal apenas nos trabalhos externos. Mantendo a base Esta semana o delegado Dr. Willy (PT) esteve fazendo visitas e conversando com seus apoiadores, segundo o próprio está tudo preparado para 2012.

Ediçao 637 - 10 de dezembro de 2011 - página 3

Moradores do Jardim Primavera pedem socorro Luciano Meira Lorena

Cansados de esperar, o grupo intitulado “Comissão Provisória de Moradores do Jardim Primavera” resolveu agir. Desde o mês de outubro, a presença do grupo composto por moradores do bairro é constante nas sessões da Câmara Municipal. As principais cobranças são: a falta de manutenção e limpeza das ruas e avenidas do bairro (excesso de mato, ruas esburacadas, afundadas, com as chuvas barro e “piscinões”) e a ausência de entrega de correspondências pelos Correios. A ação dos moradores pareceu que daria certo, dias depois da primeira sessão em que estiveram presentes foi deslocada uma máquina Patrol até o bairro e começou a passar pelas ruas, mas infelizmente não foi suficiente. Na sessão seguinte, com apoio do presidente da Câmara Élcio Vieira Jr. e dos vereadores Marcelo Alvarenga e Mafú, o secretário de Serviços Urbanos Luizão que estava no local, prometeu a limpeza do bairro e, também anunciou que não só nivelaria as ruas, mas colocaria cascalho, entulhos de construção e raspa de asfalto doada pela Novadutra. Na sexta feira da mesma semana chegaram ao bairro três caminhões com entulhos de

O mato toma conta das ruas e os buracos impedem a circulação

construção que foram todos direcionados para a Rua Terezinha Braga de Menezes, a máquina Patrol só chegou no final da tarde espalhando uma pequena parte do material, mas de forma muito mal feita e foi embora. Foi feito contato na segunda-feira com a Garagem da Prefeitura, que informou que a máquina havia quebrado e, não havia previsão de conserto. Em razão do serviço inacabado, sempre que chove a água represa próximo as casas. Passados mais de dois

meses a resposta é sempre a mesma, não tem dinheiro pra arrumar a máquina. A Rua Sebastião Gomes da Silva é a que apresenta o pior estado, da última vez que a máquina passou afundou muito seu leito carroçável e qualquer chuva inunda a mesma. Outro problema é o acúmulo de terra deixado no final da Av. Oziro Dias, formando uma pequena represa entre o final do bairro e as casas que estão sendo construídas do Programa Minha Casa Minha Vida. A ausência de entrega de

cartas e correspondências também prejudica os moradores do Jardim Primavera. Foram feitos requerimentos pelos vereadores cobrando dos Correios uma posição, porém o bairro tem várias ruas cortadas ao meio pela Av. Oziro Dias, onde há duplicidade de números, aparentemente, o setor de engenharia da Prefeitura errou ao numerar as casas do bairro. Todas as ruas e avenidas do bairro já possuem CEP cadastrado nos Correios, mas não há como entregar as correspondências devido a confusão da numeração.

Vereador participa de entrega de diploma a alunos da rede municipal Presidente da Câmara Municipal parabeniza e dá conselhos aos alunos A igreja matriz de Nossa Senhora da Piedade, sediou a entrega de diploma aos 280 alunos formandos da pré-escola da rede municipal de ensino. Também receberam os diplomas os alunos da Educação para Jovens Adultos, (EJA), e das três escolas participantes E.M. Mônica Senne do Nascimento Silva, E.M. Lúcia Maria Vilar Barbosa, E.M.E.I. Profª Carmelita Vieira de Oliveira Braga. Na solenidade o vereador presidente da Câmara Municipal, Élcio Vieira Junior participou do momento marcante para os alunos que concluíram mais uma fase importante de suas vidas recebendo seus diplomas que garantem a conclusão do curso e estando aptas para cursar um novo ciclo escolar. Na ocasião o vereador aproveitou para parabenizar e dar conselhos a todos os alu-

nos que prossigam firmes nos estudos para conseguir uma qualificação melhor no merca-

do de trabalho. O prefeito municipal Marcelo Bustamante, a primeira dama Dra Lorane

Bustamante e o secretário de educação Elcio Vieira também estiveram presentes.


página 4 - Ediçao 637 - 10 de dezembro de 2011

política/cidades

Feliz Natal Lorena Conforme diz o Cristianismo três coisas são importantes para dar continuidade e qualidade as nossas vidas: FÉ, ESPERANÇA E CARIDADE esta é a maior de todas, o amor. Acho na verdade que já nascemos com estas dentro de nós. Foi o maior presente que Deus nos deu ao ser criado por ele. Precisamos é despertar essas três ferramentas divinas, belas e mágicas no nosso interior e, vivermos tudo isto no nosso dia a dia. Colocar à disposição de nós mesmos e dos nossos semelhantes. No dia vinte e cinco próximo comemoramos no mundo inteiro o nascimento do menino Deus, nosso menino Jesus, a maior prova de amor do Pai criador do universo pela humanidade, ou seja, pelo seus filhos. Sua palavra, ou seja, seu verbo se fez carne e habitou entre nós, derramando assim sobre todos sua misericórdia e com isto o direito a vida eterna. Eterno é o Espírito. A matéria fica neste plano com a carne se desprendendo dos ossos. Os bens materiais ficam para alguns usarem e outros brigarem, mas o espírito será devolvido a quem é de direito, que é a Deus. Sendo assim retornaremos a casa do Pai. Natal é para refletirmos tudo isto e enxergarmos até que ponto somos desprendidos da moeda, do poder, luxurias e excessivo consumo. Até que ponto dividimos um pouco do

Enfermagem 30 horas A luta por um direito

A Enfermagem é uma arte... Poder-se-ia dizer, a mais bela das artes”. (Florence Nightingale)

Marquinhos da Colchoaria Ramos

que temos com quem não tem nada, até que ponto abrimos o nosso coração para doar um bom dia, um feliz Natal ao nosso próximo. O segredo para alcançarmos a Jerusalém Celeste é o amor, somente ele pode mudar o mundo que vivemos e, é dividindo este amor com todos os nossos amigos, familiares e todos os nossos semelhantes é que iremos fazer a diferença. Tenham certeza de uma coisa muitos são os que precisam de uma oportunidade desta, não podemos fechar portas para ninguém e nem mesmo para nós. Natal é dia de contemplarmos a face de Deus no menino Jesus, aquele que foi gerado no ventre de uma menina, nasceu em um parto normal sobre uma manjedoura

bem simples, mais com a proteção dos anjos enviados pelo seu pai. Até hoje este verbo que se fez carne é referência em nossas vidas, na vida de nossas famílias e principalmente na da sociedade. Por favor vamos continuar a busca pela face deste menino, não somente no dia vinte e cinco próximo, mas sim em todos os dias de nossas vidas. Governantes, políticos, cidadãos, homens de muita fé, unidos com este amor vamos vencer esta batalha e transformar o que precisa ser transformado neste nosso mundo. O amor transforma miseráveis em homens felizes, a ausência do amor transforma ricos em miseráveis. Deus é amor! Feliz Natal e um ótimo 2012!

Vereador e Enfermeiro Valdemir Vieira (Mafu) , Professora de enfermagem da Fatea Claudia Lysia, Advogada Gisele e Enfermeira Ana do SEESP. Orientação e esclarecimento para os profissionais de enfermagem

Por Valdemir Vieira Vereador Mafu (PV) Há mais de 10 anos tramitando no Congresso Nacional, o Projeto de Lei 2295/2000, que regulamenta a jornada dos profissionais de Enfermagem já passou por todas as comissões e agora precisa entrar na pauta para votação. A Organização Inter-

nacional do Trabalho (OIT), órgão da ONU argumenta que a jornada de 30 horas é melhor para pacientes, usuários e trabalhadores em saúde. Num momento onde falamos muito em humanização em saúde, precisamos pensar no trabalhador da saúde em primeiro lugar e isto inclui o profissional de enfermagem. É comum nas clínicas dos hospitais a equipe de enfermagem trabalhar 12 ou 8 horas, normalmente com menos profissionais do que é necessário, assoberbados de trabalho como higiene, medicação, procedimentos invasivos como sondagens gástricas, vesicais e punções venosas, controles e balanços, preparos pré, intra e pós-operatório, controle de sinais vitais, alimentação e eliminação, curativos, relatórios e registro de tudo, isso em clínicas e enfermarias sempre lotadas, enfim, trabalho é o que não falta aos profissionais de enfermagem. Nas unidades de atenção básica e saúde da família não é diferente. Vacinas, visitas domiciliares, consultas de enfermagem, enfim, o trabalho não é menos estressante e cobrado quanto nos hospitais. Seja em hospitais, unidades de atenção básica, SAMU, sempre o trabalho de enfermagem é um dos mais estressantes e o profissional tem de estar física e emocionalmente equilibrado, para a segurança e recuperação dos pacientes, porém com uma carga horária de trabalho e uma carga de trabalho tão grande, aliados ao paradoxo de falta de materiais e boas condições de trabalho de um lado e as complexidades com novas tecnologias em saúde, de outro, é cada dia mais complicado para nós, profissionais de enfermagem, prestarmos um serviço de excelência em qualidade e, ao mesmo tempo, termos uma boa qualidade de vida. Por esta ótica, o Dr.

Paulo de O. Perna relata: “Nada justifica uma jornada acima de 30 horas, a não ser a exploração do trabalho, em especial num campo em que a saúde virou mercadoria. O trabalhador necessita de tempo para construir-se como ser humano emancipado, precisa de tempo para refletir sobre a qualidade e sobre os sentidos da vida e investir em áreas que a própria falta de tempo sequer permite que ele conheça. Além do que, a limitação da jornada, potencialmente, abriria campo de trabalho para mais profissionais. Nenhuma bandeira de humanização no trabalho pode pretender avançar senão pela redução da jornada e melhoria dos salários.” Desta forma, promovemos no dia 24 de novembro, na Câmara Municipal, uma audiência pública sobre as 30 horas para a Enfermagem, com a presença da Enfermeira Ana e da advogada Gisele do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo que discorreram sobre a importância da regulamentação da carga horária de 30 horas para todos os profissionais de enfermagem em todo o Brasil. Agradeço ao Presidente da Câmara Dr. Élcio Vieira Júnior por ceder nosso plenário para a audiência, ao vereador Marcelo Alvarenga pela presença e palavras de apoio a esta luta. Precisamos requerer aos nossos deputados que agilizem a votação da PL 2295/2000 e isso foi um comprometimento dos 2 vereadores e, é claro, meu também. Agradeço em especial aos profissionais que lotaram nosso plenário e que participaram ativamente. Este tema será colocado em discussão na 14ª Conferência Nacional de Saúde que iniciou no dia 30 de novembro. Parabéns Enfermagem, Juntos podemos muito mais!

FALE CONOSCO contato@popdovale.com.br www.popdovale.com.br


cidades

Notícias da área tecnológica Dia 11 de dezembro Dia do Arquiteto e Engenheiro

Parabéns àqueles que sabem traduzir em arte e técnica os desejos e construir sonhos. A AEAL deseja aos seus associados um Feliz dia do Arquiteto e Engenheiro. Adriana de Aquino Chamis Adriane Líria Oliveira Batista Adriane Stella Bispo Alan Marco Cora Alessandro Rosa Rodrigues da Costa Andre Antonio Vieira André Luis Couto Antônio Carlos Bastos Antônio Jacob Netto Antônio Lopes Neto Antônio Raimundo Ribeiro Antonio Rodolpho Becker de Moura Antonio Willians Batista Gomes Bárbara Sparenberg Juliano Nunes Beatriz Angelica de Paula S. Fonseca Peres Benedito Cesar de C. Thimóteo Carlos Alberto Esper Carlos Eduardo Lescura Carlos Magno Cesar de Campos Carolina Mayer Guerrero Célio Ricardo Melilo dos Santos Celso Luís Quaglia Giampá Celso Luiz da Silva Prudente Cláudio dos Santos de Almeida Danielle Cobianchi Pereira Eduardo Antonio Noronha Barros Eduardo Kimoto Hojokawa Esdria Rogeria Pinho da Silva Evandro Gonçalves Chaves Fernanda Castanho Castro Fernanda Fontes Silva Fernando Luiz Ribeiro Leite Fisco Francisco Gabriel Ribeiro E Silva Frank Walter Hengler Correia Gabriela Alves Corrêa Helder Andrade Prudente de Aquino Henriete Waquin Salomao Gavazzi Ingmar Bruno Perhs Curvo Ingrid Elena Sanchez Schnoor Nunes Isaías de Oliveira Ismael Maciel de Mancilha João Bosco Alves João Bosco Nunes Romeiro João Romualdo Soares Filho Joaquim Ferreira Cobianchi

Josceley Domingues Arneiro Jose Carlos dos Santos José Cipriano Neto José Demétrius Vieira Jose Eduardo Dias Lourenço José Ferreira Rocha José Ignácio da Silva Filho Juliana Cobianchi Pinto Alkimin Julio César Del Tio Karen Campion Lucke Karina Reis Silva Leomar Denis Goncalves Lilian de Lima Pedreira Louise Iglesias Corrêa Biancovilli Eskelsen Luiz Fernando Fortes Fonseca Luiz Paulo Boni Marcella Guimarães Siqueira Marcio Antonio Nogueira Jerônimo Marco Antônio Oliveira Cruz Marcos Ferreira Peralta Maria Claudia Thimoteo Villela Sampaio Marta Solferini de Carvalho Mendelson Lourenço Tavares Mirela Bomfim da Silva Monica Sarquis Ude Narciso Joaquim Pedreira Nelson Flávio Guimarães Nilton Santos Paes Junior Patrícia Ribeiro Silva Aquino Paulo César Bueno de Godoy Paulo César Nunes de Andrade Paulo Dâmaso de Castro Galvão Paulo Victor Vieira Sampaio Pedro Augusto Carvalho Chicarino Pedro da Silva Araújo Filho Pedro Santos Ballerini Rafael Coura Guimarães Rejane Pimentel Moliterno Renan Marcondes Dobrovolsky Almada Ronaldo Martins de Oliveira Rosana Reis Alves Correia Sérgio Wagner Martins Silvio Rodrigues Pinheiro Sinval Domingos Vivian Mendes Sfair Waldir Rodrigues da Costa Walter Luiz dos Santos Wandir Moreira da Silva Wilson Macedo Pereira Yan Lorena Zsolt Antal Laszlo Nemeth

APAE-LORENA Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Lorena C N P J. 51.785.590/0001-46 EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA Pelo presente edital ficam convocados todos os sócios contribuintes desta entidade, pais de alunos e sociedade quites e em pleno gozo dos seus direitos, para a Assembléia Geral Extraordinária a realizar-se no dia 03 de janeiro de 2012, às 18:30h em primeira convocação com dois terços (2/3) dos associados, ás 19:00h em segunda convocação com um terço (1/3) dos associados e às 19:30h em terceira convocação com o número de pessoas presentes. A Assembléia realizar-se-á na sede da APAE-Lorena situada a Rua Wenceslau Brás nº300 – Cidade Industrial, com a seguinte ordem do dia: a) Eleição dos membros da Diretoria Executiva, Conselho Fiscal e Conselho Administrativo. Lorena, 28 de novembro de 2011. Maria Olympia de Jesus Ferreira Presidente em exercício

Ediçao 637 - 10 de dezembro de 2011 - página 5

OVISA realiza jantar dançante anual beneficente Aproximadamente 350 pessoas, entre amigos e participantes, estiveram presentes Vanessa Freitas Lorena Freelancer para o POP

O OVISA (Orientação para a Vivência Sacramental) é um movimento Salesiano, que orienta casais para a vivência dos sacramentos, na construção e reconstrução da felicidade matrimonial. Sua sede em Lorena localiza-se no Oratório São Luiz. A iniciativa atua na cidade há 33 anos e, hoje, conta com a participação de 13 casais na organização. Este ano 24 participaram das atividades promovidas pela ação. Dois encontros de casais acontecem anualmente, além dos terços semanais na capela do Oratório, missas da família no 4º domingo de cada mês, no Santuário São Benedito, e uma grande confraternização no Jantar dançante que marca a finalização de suas atividades. No último domingo foi a vez dos casais se renderem a pista de dança e usufruírem da festa, que se realizou no Clube Comercial de Lorena. Estiveram presentes, aproximadamente, 350 pessoas “ovisistas” e, ainda, amigos e parceiros da ação. “Foi uma grande celebração, numa noite divertida e romântica, com um cardápio sensacional. Tenho certeza que quem compareceu

Coordenadores e colaboradores do OVISA

não se arrependeu”, afirmou a coordenadora geral do Ovisa, Ana Beatriz. A música ficou por conta da Banda Alfha Vale, que embalou os casais nos ritmos do bolero, do samba, entre outros. Já a equipe de cozinha foi comandada por Dona Isabel e o Sr. Dito. “O Antônio Galvão e a Verinha não falharam na logística, contribuindo para que nada faltasse. O Messias e a Néia, Carmelo e Valdirene, Moraes e Mariza, Sebastião e

Rosana, Régis e Rose, e tantos outros, estiveram o tempo todo sob os aventais preparando tudo com muito carinho”, ressaltou Ana. De acordo com coordenadora, os coordenadores do Núcleo do Ovisa, Oliveira e Beatriz, não só comandaram toda a estrutura do jantar, mas também, “arregaçaram as mangas, ou melhor, esticaram os panos para decorar o salão que ficou acolhedor e elegante nas cores azul e branco”.

O casal coordenador ainda teve a ajuda dos amigos Kleber e Adriana, Carlos e Wanessa, Wanise e Renata, entre outros. “Foram sorteios, abraços, risos, muita música e, principalmente, um momento de Benção de Deus que o Pe. Rivelino oportunizou na abertura do jantar”, salientou. Para os que não puderam comparecer, haverá uma nova chance de adquirir ingressos no fim de 2012.

“Papai Noel dos Correios” propaga espírito natalino em Lorena Mais de 200 cartas foram entregues e cerca de 80% aguardam apadrinhamento Vanessa Freitas Lorena Freelancer para o POP

Quem, quando criança, nunca dedicou longos minutos escrevendo e planejando o que pedir na famosa cartinha para o Papai Noel, almejando que a mesma chegasse a seu distante destino para que, no dia 25 de dezembro, o desejo se tornasse realidade. Embasado no espírito natalino os correios, anualmente, dão vida a este ritual. Esta iniciativa é realizada há mais de 20 anos, tendo como principal objetivo responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e, sempre que possível, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Em 2010, em todo o país, foram postadas 1.239.084. Desse total, por meio da campanha, foram entregues 685.698 presentes. A campanha Papai Noel dos Correios da Diretoria Re-

gional São Paulo Interior, foi lançada no dia 11 de novembro e termina no próximo sábado, dia 10 de dezembro. O prazo para entrega das cartinhas escritas pelas crianças ao Papai Noel terminou no último sábado, dia 3 de dezembro. Mais uma vez, ficou evidente que os brinquedos são o principal objeto de desejo do público infantil. Entre os meninos, os carrinhos e as bolas são os preferidos e entre as meninas, as bonecas são as mais populares. No ano passado, em todo o interior de São Paulo (todo o Estado exceto grande São Paulo e Baixada Santista), foram recebidas 69.853 cartas. Destas, 48.172 adotadas, correspondendo a 68,96% dos pedidos. Este ano, em Lorena, foram recebidas aproximadamente 300 cartinhas. Dessas, cerca de 80% ainda aguardam na agência central da cidade para serem adotadas. O tempo para que os voluntários adotem essas carti-

nhas está se esgotando. Os interessados devem comparecer à agência central dos Correios, ler as cartas e escolher aquela que mais lhe agradar. Não há limite de cartas a serem adotadas pelos voluntários, que podem ser pessoas físicas ou jurídicas. O prazo para a entrega dos presentes também vai até o dia 10 de dezembro. A entrega dos presentes às crianças será feita exclusivamente pelos Correios. Desde o ano passado, foram estabelecidas parcerias com escolas públicas, creches e abrigos que atendem crianças em situações complicadas. O objetivo é que ações como desenvolver a habilidade da redação de carta, endereçar e usar o CEP e o selo postal sejam trabalhadas nas escolas por meio da carta ao Papai Noel. Esta árdua tarefa só é possível com a ajuda dos mais de 110 mil empregados dos Correios e da sociedade brasileira, que pode participar atuando

como padrinhos, que “adotam” as cartinhas, providenciando o presente solicitado pela criança. O apadrinhamento é feito da mesma maneira em todo o Brasil: as cartas enviadas pelas crianças são lidas e triadas. Em seguida, são disponibilizadas para adoção nas Agências dos Correios. Os presentes relativos às cartas adotadas são entregues pelos padrinhos no mesmo local onde a carta foi adotada, não sendo permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado ao padrinho. Outras informações sobre o Papai Noel dos Correios podem ser obtidas na página www.correios.com.br ou pelo 0800 725 7282. Neste natal, os Correios esperam contar mais uma vez com a colaboração da sociedade para manter a magia da data entre as crianças e fazer da campanha um grande sucesso.


página 6 - Ediçao 637 - 10 de dezembro de 2011

cidades

Cinema em Casa

por Joel B. Ramos

Rir é Bom, Gostoso e Saudável!

Fale Conosco

contato@popdovale.com.br

Hoje em dia, tem data ou dia para todo tipo de acontecimento ou fato; depois do advento da Internet (a rede mundial de computadores que deixa todo mundo ligado) então, ficou banalizado. Sempre é dia de alguma coisa: todo dia é dia para se comemorar, desde datas realmente importantes até as mais esquisitas ou diferentes! Há pouco tempo aconteceu o “Dia Nacional do Riso”! Rir tem um dia só dele no Brasil: 6 de novembro. Sorrir é um santo remédio. Mas, afinal, será que a expressão “rir é o melhor remédio” é mesmo verdadeira? Muitos especialistas já recorreram a estudos para tentar descobrir como esse ato tão divertido afeta o corpo e a vida das pessoas. O que grande parte dos resultados mostra é que os efeitos vão muito além da sensação de bem-estar ou da moleza no corpo após uma longa gargalhada. Conta o neurologista Ricardo Teixeira, do Instituto do Cérebro de Brasília, que faz estudos sobre o efeito do riso na saúde humana: “o coração, o sistema imunológico e a percepção de dor são os principais beneficiados pelas risadas”. O cinema com o gênero comédia já sabia do bem danado que o riso pode proporcionar ao corpo, alma e espírito, então a ordem é rir e rir muito, algumas boas sugestões de comédias e é impossível listar todas, aqui mais de uma dúzia para (re) ver em casa: Apertem os Cintos, o Piloto Sumiu: Ted Striker (Robert Hays) é um piloto ex-combatente forçado a assumir os controles de um avião quando a tripulação sucumbe à comida contaminada. Elaine (Julie Hagerty), sua namorada, tem de ser aeromoça e co-piloto, mas existe um problema: ele é neurótico. Aconteceu Naquela Noite: Peter Warren (Clark Gable), um jornalista desempregado, encontra Ellie (Claudette Colbert), a filha de um milionário que fugiu do iate de Alexander Andrews, seu pai, pois este não aprova quem ela escolheu como marido. Peter vê a oportunidade de obter uma boa matéria, mas vários fatos criam uma forte aproximação entre eles. Borat: Borat Sagdiyev (Sacha Baron Cohen) é um jornalista do Cazaquistão que deixa o país rumo aos Estados Unidos, na intenção de fazer um documentário. Durante sua viagem pelo país ele conhece pessoas reais, que ao reagir ao seu comportamento primitivo expõem o preconceito e a hipocrisia existentes na cultura americana. Curtindo a Vida Adoidado: No último semestre do curso do colégio, estudante sente um incontrolável desejo de matar a aula e planeja um grande programa na cidade com a namorada, seu melhor amigo e uma Ferrari. Só que para poder realizar seu desejo ele precisa escapar do diretor do colégio e de sua própria irmã. Filmes do Grupo Monty

Python - Eles fizeram ótimas comédias, destaque para: A Vida de Brian; Em Busca do Calice Sagrado; O Sentido da Vida. Humor cáustico e crítico, bem legal. Luzes da Cidade e Tempos Modernos - dois filmes de Charlie Chaplin, ele deu vida ao Carlitos, o eterno vagabundo que tem um coração de ouro. Mais Carlitos em próxima oportunidade. MASH: Durante a Guerra da Coréia, cirurgiões irreverentes e debochados, de uma unidade médica do exército americano, encaram o contexto da guerra de forma cômica. O Virgem de 40 Anos: um homem de 40 anos possui um bom emprego, um apartamento próprio e mantém uma coleção de bonecos e revistas em quadrinhos. Porém, apesar da idade, Andy permanece virgem. Ele nem dá muita importância para isso, mas seus amigos não se conformam; eles tentarão encontrar uma namorada para ele. Pork’s: as aventuras dos adolescentes do fictício colégio de Angel Beach na Flórida em 1954. Filmado nos Estados Unidos em (1981), e obteve duas sequências e influenciou muitos escritores e roteiristas do gênero filme adolescente. Quanto Mais Quente Melhor: Dois músicos testemunham o Massacre do Dia de São Valentim, executado por gângsters e, para escapar, resolvem se disfarçar de mulher e entrar em uma banda só de moças. Estrelado por Marilyn Monroe! Se Meu Apartamento Falasse: Um funcionário ambicioso (Jack Lemmon) descobre um atalho para subir na companhia em que trabalha: ceder seu apartamento para os encontros amorosos de seus chefes. A tática inicialmente dá certo, mas passa a ser ameaçada quando ele se apaixona pela amante de um de seus chefes. Super Bad, É Hoje: dois amigos de infância que estão

prestes a se separar para estudarem na faculdade vão aprontar muita confusão numa inesquecível noite de despedida. Tootsie: Michael Dorsey é um ator perfeccionista que não consegue emprego devido ao seu temperamento; ele então resolve se vestir de mulher e consegue um papel em uma novela diurna que se torna um grande sucesso. Mas existe um problema: ele está apaixonado por Julie, uma das atrizes da novela em que trabalha, e se ele se declarar a ela revelará que é um homem. Um Convidado Bem Trapalhão: Hrundi V. Bakshi (Peter Sellers) é um ator indiano todo atrapalhado, que destrói acidentalmente um grande set de filmagem e é despedido por isso. Entretanto, ele acaba sendo convidado por engano para uma grande festa na casa do produtor, onde cria diversas confusões. Vítor ou Vitória?: Paris, 1934. Victoria Grant (Julie Andrews) é uma cantora lírica desempregada que conhece Carroll Todd, um cantor homossexual que tinha sido recentemente demitido. Juntos eles articulam um plano, no qual ela se faz passar por um homem, Conde Victor Grezhinski, que é um transformista. Mas surge um problema quando ela se apaixona por King Marchand, um gângster, sendo que caso ela se declare assume ser uma farsa. Boa diversão e boas risadas: mais comédias em breve!


cidades

Ediçao 637 - 10 de dezembro de 2011 - página 7

Projeto “Caxiri na Cuia” Jantar de difunde cultura indígena confraternização no em Lorena Rodrigo’s Cabeleireiro Encontro aplicado para educadores da cidade visa conscientização sobre a história de povos antigos Vanessa Freitas Lorena Freelancer para o POP

As populações indígenas do mundo resguardam um vasto histórico cultural da humanidade. Muitos dos costumes atuais são resultado da transmissão de conhecimentos e tradições religiosas e artísticas, vindos de povos antigos. Com isso, ressalta-se a importância da preservação e difusão do passado, que tanto colaborou com a construção da identidade brasileira. Garantindo esta iniciativa, a Lei nº 11.645 obriga o estudo da cultura indígena em todas as escolas nacionais de Ensino Fundamental e Médio, desde 2008. Esta Lei é uma extensão a nº 10.639, de 2003, responsável por inserir a história afro-brasileira e africana nos currículos escolares. Por meio do projeto “Caxiri na Cuia – Encontros sobre literatura indígena”, gestores, vice-gestores, professores do 5º ano, nas matérias de Língua Portuguesa, Educação Artística e História, tiveram acesso a mitos indígenas brasileiros, que sempre fizeram parte do imaginário nacional. “Foi promovido um diálogo, tendo por foco conhecimentos ancestrais,

tantas vezes encobertos pelo esquecimento. Os índios foram os primeiros habitantes da Brasil. É preciso valorizar”, afirmou a professora e orientadora pedagógica de Língua Portuguesa, Andréa Custódio Oliveira Ferreira. Mais de vinte educadores compareceram no evento, realizado no Espaço Cultural, além de convidados, colaboradores da Casa da Cultura e pessoas ligadas a este tipo de projeto. A abertura do encontro foi feita pelo escritor e índio, Daniel Munduruku, que falou a respeito da Ong que defende a questão do ensino da cultura indígena. Nela, escritores realizam pesquisas e conscientizam a sociedade sobre a importância de se articular o assunto. Além de Munduruku, o cantor e índio Cristino também compareceu e tocou músicas típicas, com uma flauta confeccionada em sua aldeia. “Ele já ganhou prêmios com suas músicas. Daniel explicou que cada povo possui suas características. Cada um tem seu dialeto, costume, uma forma de agir. Embora todos sejam índios, não são iguais. As pessoas do Nordeste têm uma maneira de falar, diferente da população do sudeste, apesar de todos serem brasileiros. Assim também é

com eles”, explicou. No encontro, após a apresentação musical, a psiquiatra Maria Inez do Espírito Santo, de Petrópolis, contou mitos. A profissional é uma pesquisadora da área e percebeu que podia utilizar as histórias dos povos em seu consultório. “Teve um mito que falava de pessoas que se fixam apenas em um parâmetro. A história da Anta e do Jabuti. A Anta é um animal que sempre olha pra frente e o Jabuti é mais flexível. Ela dramatizou os mitos e a partir de questionamentos foi mostrando a importância deles e quanto seria proveitoso lermos essas histórias e relatos”, revelou. A ideia é de que este encontro aconteça, novamente, no início do ano para que outros colaboradores das escolas de Lorena possam estar acrescentando a ação no planejamento anual e repassem o aprendizado aos alunos. A professora ressaltou a importância de se valorizar o que é do país, pois muito vezes culturas de outros locais são mais estimados. Para marcar a importância da cultura indígena, as Nações Unidas comemoram anualmente o Dia Internacional dos Povos Indígenas, sempre no dia 9 de agosto.

Dois quilos de cocaína, material para “batizar” a droga e 40 pedras de crack foram apreendidos pela polícia Luciano Meira Lorena

Após investigações realizadas pelo SIG de Lorena, os policiais comandados pelo delegado Dr. Braga, apreenderam no Beco do Juvenal, Parque das Rodovias, dois quilos de cocaína, 1.500 pinos vazios para embalar a droga, além de lidocaína, cafeína e amido que seriam usados para duplicar a quantidade de droga que seria vendida pelos traficantes e uma garrucha calibre 32. A casa encontrava-se vazia, mas os policiais encontraram os documentos dos moradores, os irmãos Luiz Felipe e Luiz Fernando que tiveram sua prisão preventiva decretada pela Justiça após o pedido do delegado e encontram-se foragidos. Também no Parque das Rodovias na Rua Sezefredo Ferrari, a polícia cumprindo uma mandado de busca expedido pela Justiça, encontrou 40

O dinheiro e as drogas apeendidas com Juninho

pedras de crack e R$ 327,00, na posse de Julio César da Cruz Ribeiro, vulgo Juninho, 19 anos, desocupado. A droga estava escondida em um quarto no fundo do quintal da casa entre diversos

objetos que o delegado classificou como lixo, tamanha a sujeira e bagunça no local. Juninho foi levado para Delegacia da Vila Geny onde foi autuado e preso em flagrante por tráfico de drogas.

Gigi, Rodrigo e Fábio Marcondes

Mais uma vez, foi realizado o jantar de confraternização do Rodrigo’s Cabeleireiros, que já é uma tradição entre a seleta clientela que frequenta o local. Rodrigo e sua equipe, Gigi, Pauleti e Elaine receberam clientes, amigos e amigas, com o mesmo carinho e bom gosto que fazem seu trabalho. Com o salão lotado o jantar foi um momento de confraternização entre todos que durante mais um ano estiveram juntos em muitos momentos.


pรกgina 8 - Ediรงao 637 - 10 de dezembro de 2011

cidades/esportes

O Popular do Vale  

Jornal editado na cidade de Lorena/SP

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you