Page 1

ID

Novos voos e tarifas

a partir do Santos Dumont e São Paulo. Confira.

trawelace dbSiitatiCt'

^ OccanAír

o8oo 722-7333

Voando para conquistar você.

R$ 8,00 - Ano 16 - n® 861

4004-40A0

www.traveiace.com.br

26 de maio a 1° de junho de 2009 | www.panrotas.com.br

Brasil monta megaestrutura para

e

receber 9- Conferência do WTTC criam novo evento Página 14

Apresentações foram marcadas pelo otimismo,

Viagem pelo

mas debates tiveram

rio Nilo descortina belezas do

poucas conclusões Páginas 15 a 18

PANROTAS,

Jeanine Pires, presidente

destinos

da Embratur, destaca

a visibilidade que o encontro deu ao turismo

Presidente Lula abre a

conlerência

Com esta edição encarte especial VISTOS AMERICANOS

e enfatiza

elaboração de políticaspara o setor

O CEO do WTTC, Jean-Claude

Baumgarten, e

087= WORKSHOW 1 I j COB APRESENTA

o governador de Santa Catarina, Luiz

SAUÍPE (BA) ALTERA

EM NÚMERO DE

AO CONGRESSO PROJETO DE CANDIDATURA DO RIO

SISTEMA PARA UNIFICAR

PARTICIPANTES

PARA OLIMPÍADA 2016

O COMPLEXO

MGM CRESCE 35%

Henrique da Silveira, comemoram parceria

COSTA DO

Venda TACA na Rextur e

ganhe uma linda Jaqueta!

FÉRIAS DE JULHO

Fretamento Julho Saídas as sextas e sábados de 3 a 31/Julho

Aéreo, 7 noites com café da

Aéreo, 5 noites no Planet Holiywood Cassino & Resort e

Aéreo, 7 noites com sistema ali

manhã, traslados e seguro.

inclusive, traslados e seguro. A

A partir de {US$ 1.538)

seguro. Apartir de (US$ 1.S24) USS 459 + 5x US$ 213

partir de (US$ 1.481)

US$386 + 9x US$ 128

Saída 11/Jul

com saídas do Brasil, ganiie uma

linda jaqueta TACA.

Saidas 5,12.19 e 26/Julho.

U$S374 + 9xU$S 123

Curaçao

Curaçao e Aruba

Aéreo, 7 noites com café da

Fretamento Julho Saídas 4,11, X8e25/Julho.

Saídas: 4,11,18 e 25/iulho

manhã, traslados G seguro,

Aéreo, 7 noites com café da

A partir de (USS 1.839)

manhã, traslados e seguro.

Aéreo, 4 noites em Aruba, 3 noites em Curaçao com café da

US$ 554 + 5x US$ 257

A partir de (US$ 1.491)

manhã, traslados e seguro.

Saída 04/Jul

Válido para emissões entre 15 de Maio e 30 de Junho de 2009.

Aruba Fretamento Julho

A cada 03 Bilhetes emitidos para os

destinos: BOG, CCS, CUZ, GYE, GUA, HAV, LIM, MDE, SAL, SJO ou UIO -

Punta Cana

Orlando Completo

US$ 375 + 5x US$124

Fretamento Julho

Apartir de (US$ 1.647) ^

ÚS$ 414+ 9x US$137 -

Saida 06/iul

Aéreo, 12 noites com café da manhã. Ingressos para Magic

Kingdom, Epcort, MGM Studios, Animal Kingdom, Universal, Island of Adventure, Sea World e Acesse www .rextur.com.br/35

e consulte o regulamento.

Aquática, tour de compras, guia nos parques traslados e seguro. A partir de (USS 2,65S|

US$ 795 + 5xUS$ 372

Re/wr -

turismo

9

i. I

^--^3

^

^ 1

%

www.rextur.com.br

EOn 3154-1220

iflTegra

Notas: Prsços por pessoa em apto duplo sair^do de São Paulo, .àlidos para data da

sem prévio avso. m incluem taxas aeroportuárias ede sen/iços. Preços relerenciais serio convertidos err. reais ra data 0o

NASCIMENTO COONSiUni

paflamento.ParcelamentOBmchequesvâlidoparapaotos.até 31/05/2009.

www.nasclmento.com.br

^ lanto.(i3) 3228-9900

Rio(21) 2510-7272 Interior sp(i5)3233-1600 MatrizdD3156-9900


26 de maio a 1« de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

RODÍZIOS

Parabéns Nascimento •

PLÍNIO, EDUARDO, LEILA EDAi

Eduardo Nascimento

completou, no último dia 14, 70 anos de vida. Ele achou

que a comemoração seria especial: um jantar de gala com a mulher, Leila Colombo, que fez reserva em um restaurante refinado

ISABELLE BIREM. 00 GRUPO AIR FRANCE/KLM

ALESSANDRO AMADEO. DAALITAÜA

Duas companhias aéreas internacionais anunciaram, na semana passada, troca de nomes na direção das empresas no Brasil. O Grupo Air France/KLM divulgou que Isabelle Birem, que hoje assume a diretoria no País, será substituída por Marc Bailliart. A mudança, de acordo com o grupo, faz parte do rodízio normal promovido pela empresa a cada três

e alugou um Rolls Royce placa 1939 para chegar até lá. Leila, porém, juntamente com Dado e Plínio nascimento, filhos

de Eduardo, estavam preparando uma surpresa ainda mais especial e quando Nascimento chegou ao "restaurante", na verdade uma casa de festas na Vila

Olímpia, em São Paulo, lá estavam os netos, filhos, amigos, parentes e

anos. Bailliart atua na companhia e já assumiu a mesma

parceiros de décadas de turismo. Todos de black tie, como pedia o convite da festa

posição em mercados asiáticos, como China e Japão. Ainda não se sabe qual será o mercado que Isabelle irá assumir após setembro. Asegunda empresa a anunciar mudança foi

Muito emocionado, Eduardo beijou cada neto, os filhos e cada um dos convidados.

a Alitalia. O diretor geral Brasil, Alessandro Amadeo, deixa o

País para assumir aárea do Oriente Médio, Emirados Árabes Unidos, Golfo Arábico, Irã, Egito eÁfrica Oriental. Alessandro Innocenzi, que já foi diretor da empresa no Brasil, irávoltar e assumir o cargode vice-presidente paraa América do Sul. As mudanças na companhia italiana acontecem em 1- de junho.

surpresa.

Leila, Dado e Plínio ainda prepararam um

vídeo surpresa, com a trajetória de vida e de trabalho de Nascimento, um dos líderes

do turismo nacional. Tanto Dado quanto

Plínio foram claros no recado ao pai: "se

cuida, para aproveitar o melhor da vida".•

Joint-Venture

Mudanças no Tivoli • Após exato um ano, o diretor de Vendas e Marketing do Tivoli Mofarrej São PauJo, Alberto Moane, apresentou sua carta de demissão junto ao grupo artur@panrotas.com.br

• O grupo Air France/Kl-M e a Delta Air Unes anunciaram oficialmente, no último dia 20, a assinatura de uma Joint-uenture para as operações transatlânticas. Com a união, as companhias vão poder coordenar os custos das operações, com a finalidade de rentabilizar a malha aérea de ambas.

português que administra o empreendimento. O dirigente afirmou que a decisão foi pessoal e que tudo ocorreu da melhor maneira possível. "Mão aconteceu nada, apenas pedi demissão", resumiu Moane, que não confirmou seu próximo posto de trabalho. A rede ainda não divulgou quem substituirá

AJoint-venture funcionará para os voos entre a América do Norte e África,

o dirigente no cinco estrelas paulistano.®

bilhões (dados referentes a 2008/2009). •

Oriente Médioe índia, além de operações entre a Europa e vários países da América L-atIna. A aliança representa aproximadamente 25% da capacidade

total das operações transatlânticas, com receita anual de cerca de ÜS$ 12

Visita

MG Patrono da Abav 2009

O Em sua primeira viagem ao Brasil, para a reunião do WTTC, o CCO da

• A Abav 2009 terá Minas Gerais no papel de Estado-patrono, prática implantada em 2007. Com ações no turismo cada vez mais intensas

sob o comando da secretária estadual Érica Drumond, o Estado também não poupará esforços para mostrar sua força e atrações na Feira da Abav, que acontece de 21 a 23 de outubro, no Rio de Janeiro. O diretor de Eventos da secretaria de Turismo, Daniel Anilton Duarte

Marques {foto), afirmou que, entre outras ações, Minas vai oferecer o almoço logo após a solenidade oficial de abertura do evento, que contará ainda com uma apresentação cultural do Estado. Além disso, será patrocinadora das refeições que vão abastecer a sala de imprensa e a sala vip no Pavilhão de Congressos. Haverá ainda uma noite temática na quinta-feira, segundo dia da feira. •

Travelport, o suíço Armin Meier, elogiou o mercado no País. "O potencial daqui é enorme, sobretudo na região Sudeste, e queremos crescer bastante, com agressividade e a longo prazo", disse Meier. Ele e o diretor geral da empresa no Brasil, Sidney Alonso, ofereceram um almoço para alguns dos melhores parceiros da companhia no restaurante La Casserole, no centro de São Paulo. Participaram do encontro Mauro Levinbook e Marcelo Sanovicz (Advance), Carlos Vazquez (Esferatur), Ricardo Campos (Soft Travei), Martin Jensen (Queensberry) e Teddy Kahavenic (TK Royal).B

AS 10 NOTAS MAIS LIDAS DO PORTAL PANROTAS (De 14/5 a 20/5)

- Ponto a ponto n

Paulo Senise, diretor

A direção da Accor Hospitality

A Anac desenvolveu o

executivo do Rio Convention

anunciou Patrick Vaysse como

Espaço do Passageiro, uma página na Internet (www.

& Visitors Bureau, recebeu o

diretor de Operações das marcas

título de Cidadão Honorário do

Mercure, Pullman e MGallery para

anac.gov.br/passageiro)

Município da Câmara Municipal

a América Latina. No Brasil desde

onde o usuário dará notas

do Rio de Janeiro. A iniciativa

o ano passado, Vaysse já estava

às companhias com voos

foi dos vereadores Cario Caiado

no comando, há um ano, da marca

regulares em diferentes quesitos

e Jorge FeÜppe.

Mercure.

de qualidade de seus serviços.

1 2 3 4 56 7 8 9 10

Colaboraram. Cláudio Schapochnik, Marjorí Schroeder e Renê Castro

'iol lança grande promoção com operadoras - em 18/5 Eduardo Nascimento ganha festa de 70 anos. Veja fotos - em 15/5 Brasil estaria a um passo da isenção de visto para EÜA - em 19/5 Natal corre risco de perder voo da Webjet - em 19/5 Veja mais fotos da festa de Eduardo Nascimento - em 15/5 Azul vai voar para novo destino no Paraná - em 14/5 Veja fotos da grande festa do pool de operadoras em SP - em 20/5 Veja fotos da festa de abertura do Pow Wow de Miami - em 18/5 Air China cancela voos para São Paulo (GRÜ) - 18/5 - EXCLUSIVO: Diretor da Trade Tours é primeiro brasileiro a dormir no Castelo da Cinderela, em Wait Disney Worid - 18/5

STOPOVER FREE AIRFRANCEy STOPOVER EM

TARIFAS PROMOCIONAIS A PARTIR DE

COM

Emissões e embar^Bgj^^l àe maio 2009

AIR FRANOE

Valores não incluem adicionais cJ^^moustível e taxas de embarque Regras, origens e destinos. Consulte uma de nossas unidades para mais informaçí

Blumenau

^^3221>0100

i

Curitiba

@3310-1600

Florianópolis •

@'3216-0100

Joinville

Londrina

^3433-2511®^ ^@'3294-7600

l^ò de Janeiro

M3797-1300

S ã o Paulo

^

3568-4300


26 de maio a 1» de junho de 2009 ; ' JORNAL PANROTAS

ARTUR LUIZ ANDRADE

Gripe, crise

artur@panrotas.com.br

EDITORI A

e avestruz A passagem da reportagem da PANROTAS pela Indaba, na

muito pareddos com

o goverrK» federal, incluindo dinheiro para

BrasÜ no que se refere a grandes eventos

o do Brasil. Vamos ver,

algumas ações, masainda emquantidade

de turismo; uma "desorganização" (com muita coisa de última hora) que acaba dando certo. Ainda resta a grande pergun

mesmo com crise e gri

pe, o que a Copa resul

ínfima para promoções como um produto tão grandioso e diversificado comoos Es

do Nordeste, e o DBS,da Bito,entidade de

empresas privadas, recebem boa quantia federal e talvez nào existissem sem essa

verta. Se esse modelo está dando resulta

ta: porqueo Brasil nãotemum Pow Wdw

Nos Estados Unidos, a US Traveifaz todo o trabalho e é realmente representativa, pois

tados Unidos merecem. No quesito fede ral, mesmo com pouco dinheiro, estamos mais avançados. Na área associativa, a

do, é só continuar (mas este ano a DBS

ou uma Indaba, na dimensão e profissio

congrega empresas. CVBs, órgãos estadu

USTravei ganha de nossas entidades em

dos motivos é a famosa prática nacional

foi adiada para o segundo semesti« pois a verba federal não saiu a tempo). Se pode ser melhor, que se faça um estudo ou um

ais e municipais, verdadeiros líderes, que

mobilização, lobby, recursos e representa-

de agradara todoo mundo. Então,em vez

entre si ou a outros fatos, servindo para

mostrar as direções do turismo nos pró

agora tentam convencer ogovemo Obama e o Legislativo a colocarem a mãonobolso

tividade.

de investir em um só grande evento, com

Emorganização, o Pow Wdw é imbativel,

benefício a todos, o govemo federal (que

mas com a crise, falta criatividadeem al-

guns aspectos. Mianru acertou em diversos pontos, maserrou emoutros. Talvez fosse

acaba distribuindo a veiba para diversos

enfia a cabeça na ten-apara fugirdo perigo

eventos que visam à captação de turistas

(ou dos problemas). E se o cérebro dele

dos Estados tinidos, a pandemia existe pra valer em dois casos: nas manchetes de jor

peloturismo. Afinal, o govemo americano nada gasta em promoção turística, como fazem, por exemplo, o Brasil e tantos ou trospaíses. Desde o final dogovemo Bush,

tem essa função, como na África do Sul)

Exemplos estãoaí em relação a tudoisso. O que é bom para um país pode não ser bom para outro. Massomente o avestruz

o caso de ter diminuído o evento em um

estrangeiros. Osdois maiores, a BNTM, de

a ÜS Travei vem conseguindo parcerias com

uma fundação que representa os Estados

nais e nos prejuízos à já combalidaecono

dia. Na Indaba, a coisa parece como no

nãofossemenorque seu olho, eleentende ria que nào vale a pena. Nào mesmo.

África do Sul. e pelo PowWow, nos Esta dos Unidos, resulta em interessantes ob servações, que podem ser olhadas como curiosidade separadamente, ou, unidas

tará paraeles. Ospróximos seremos nós.

ximos meses.

Com relaçãoà gripesuína, nesses dois pa íses. e especificamente na Rórida, no caso

nalismo que são esses dois eventos? Um

mia dos países.

debate nesse sentido.

7

Como até o momento está se conseguin do controlar essa nova doença (ela sequer

chegou perto dos níveis mais alannnantes

dasgripes sazonais, que matam 35mil nos EUA e 250 mil no mundo anualmente), e torçamos para que os casos comecem a cair. além da fabricação de uma vacina, o

turismo não entende tanto alarde. Éomedo de morrer, claro, mas peloque se vé, ficar em casa ou viajar não faz tanta diferença, exceção apenas em relação ao México,

& i 0'

que tem um número maior decasos. Mes mo assim, as viagens para o México não sofrem restrições. E os mexicanos, pelo

que ouvimos no Pow Wow, nào gostaram nada da atitude de alguns países, como a

o

3 •

't

ú

4

Argentina e a China, quecancelaram voos

m

•; -4-

Ll

para o México. O turismo, claro, teme a gripe e suas

conseqüências, mas pelo que se perce beu no momento está mais preocupado com a crise econômica, que, essa sim,

mmt

tem feito o número de viagens interna

cionais e domésticas despencar em to

•- - ^

dos os lugares do mundo. Esse. aliás, é um grande diferencial dessa crise: em maior ou menor escala, ela está em todo

o planeta. Mesmo assim, a maioria diz que quem sobreviveu ao 11 desetembro, sobrevive a qualquer crise. É nessa hora também que vemos que pa

íses, entidades e empresas realmente têm estratégias. Planos. Condições de sobrevi ver às adversidades. A África do Sul tem os olhos voltados para a Copa do Mundo de 2010 e é um país ainda novona demo cracia. ainda aprendendo em várias áreas e com uma questão racial longe de estar resolvida. O turismo é bem estruturado, mas ainda há problemas de equipamentos

c J

L

;e^^^|^^nfortável

Nos navios da MSC Cruzeiros, além da tradicional hospitalidade seus clientes encontram espaçosas cabines com vista privativa para o mar,

que unem oconforto e a sofisticação ao design italiano.

Cruzeiros de outubro a maio, navegar^do pelo Nordeste, Argentina e Uruguai.

(aeroportos, transporte terrestre), em casos

Leasing Europa

ei^bro no«"-f°lcpeOE 2®

CITROÉN TT

Comprando 17 dias, você ganhará; C3

^

'

'

consulteCONDlÇOES nossas EXCELENTES PARCELAMENTO EM ATÉ lOX SEM ENTRADA

' ' .NDETERmTnA^^^^^

#MSC iVl. o |%/|

W

^

CRUZEIROS

- APROTAMA.SMODER.ADOMUNDO m

A FROTA MAÍS MODERNA DO MUNOO

www.msccruzeiros.com.br www.msccruzeiros.com.br

oart."»®

cônsul., «.«.s promoções . oot..s .peões d.

com 3.4, 5,6, 7. 8noite, ap.,ti. d. õotubco d. 20»

.«CC,„,.s:SP,n,

Consulte-nos sobre

Consulte s.i.d.is com promoção 2 hospede grátis,

outros modelos

TT Operadora

© Uifthansa City Center

oiTRoén

0800 11 53 03

^

pJeJ.o'viso. Co.-sulte out.'s formns de p.cj.imento, Ta«s nereos, opernc.ono.s eportu.r.os n.o inclusas.

Lírica.


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

_FELIPENIEMEYER H Belo Horizonte (MG)

Gerente da companhia afirma que 17 voos

Tam promove

do Galeão foram para o Santos Dumont

operação SDU-Confins ^ A Tam promoveu no último dia 20, um voo de apresentação da nova ligação da empresa entre o Rio de

Bárbara Amorim, da Ouro Minas, Robson Gaglianone, da Tam, Cristina

Janeiro (Santos Dumont) e Belo

Aiian,da Ouro Minas, Denise Fortuna e

Horizonte (Confins) para cerca de 30 agentes de viagens do Rio de Janeiro. A ação foi promovida em

Rosana Carvalho, da Tam

parceria com a Hotéis Ouro Minas

para as agências cariocas que mais vendem a rota Rio-BH. Ma ocasião,

Os representantes daTam, da Ouro Minas e os 30agentes deviagens

o gerente da Tam para o Rio de Ja

neiro e Vitória, Robson Gaglianone,

convidados

apresentou um panorama geral da

empresa e disse acreditar que 2010 será o grande ano da Tam no merca do internacional .

O gerente explicou as novidades da empresa em relação às operações no Aeroporto Santos Dumont, de

explicou. Vale ressaltar que a Tam é

onde agora a companhia voa para São Paulo, Recife, Salvador, Vitória,

a única companhia aérea a ter uma sala vip exclusiva na sala de embar

Aracaju, Brasília, Belo Horizonte e

que do Santos Dumont, que já conta

expectativas em relação ao compor tamento do mercado. Ele procurou

Finalizando a apresentação, Ga glianone pediu mais atenção dos

mostrar que, embora líder de mer

"Ao fim da crise a Tam estará prepa rada para atender a volta da deman da", garantiu.

O executivo ressaltou, ainda, a rei-

ro. "Vocês pediram e nós colocamos voos para Paris, Nova York, Buenos

nauguração do Museu da Tam, em São Carlos (SP). "Será um novo mu

Aires, Santiago e Miami. Mas vejo

Curitiba. A Tam desviou 17 voos do

com salas do Diners e da American

Galeão para o Santos Dumont que

cado, a Tam encara essa condição com humildade. "Trabalhamos para

Express, na área externa.

crescer e manter o nosso share. Ser

somaram-se às 31 freqüências di

E afirmou que continuará havendo investimentos na renovação da frota.

líder é complicado porque você tem

empresários do setor fluminense às operações da Tam no Rio de Janei

árias da ponte aérea Rio-São Paulo

LIDERANÇA

operadas regularmente pela com panhia. "Mantivemos alguns voos

O gerente da Tam também reafirmou

menos referências", explicou. Gaglianone acredita que 2010 será

aos agentes algumas das ações que já haviam sido divulgadas por ele

o grande ano da Tam no mercado

aeronaves antigas e outras novida

pouco se falar nisso. Nos ajudem a divulgar essas vantagens ao merca do e deem preferência a uma com

internacional com a consolidação da entrada da empresa na Star Alliance.

des tecnológicas", disse. Ele também ressaltou as ações e investimentos

ternacionais", pediu.

para as conexões internacionais no

Galeão - 46 freqüências diárias",

anteriormente, além de falar sobre

seu, com mais de 100 modelos de

panhia aérea brasileira nos voos in

da companhia para qualificação dos serviços e capacitação dos colabo

O Jornal PANROTAS uiajou

radores.

Comprando oi®

FREE!

a conoite da Tam

PAN NOTAS FESTIVAL DE CAMPOS DO JORDÃO Foi anunciado na semana passada a programação da40^ edição do Festival de Inverno de Campos doJordão, queacontece entre

40 26 dejulho. Ofestival, que tem como tema o Ano daFrança no Brasil e homenageia Heitor Vilia Lobos, contará com 45 concertos em seis espaços distintos, além do espetáculo de encerramento na Sala São Paulo. O festival de música clássica receberá artistas

de dez países diferentes. Além disso, 11 professores franceses virão doconservatório de Paris para participar doevento. Foram investidos mais de R$ 5 milhões nesta edição. Para mais informações, acessewww.festlvalcamposdojordao.org.br.

f THE

TRAVEL

CARE

RNC

S^TADC

DE

o

ílULO

' P

j

OR VOCÊ

COMPANY

SP (11) 3146 8700/0800 77000 85- MG (31) 3227 0471 - RJ (21) 2220 2354 RS (51) 3022 6030 - PR(41) 3233 3211/0800 60 488 84

www.assist-card.blog.br/blog Promoção válida de01/05/09 a31/05/09 para omesmo produto, a mesma vigência eomesmo destino.

promoção LIMITADA AALGUNS PRODUTOS -Consulte oregulamento da promoção As enfermidades preexistentes possuem limitações e exclusôes nosbenefícios.

Odiretor artístico do Festival de Inverno de Campos do Jordão, maestro

Roberto Minczuk, osecretário de Cultura de São Paulo, João Sayad, eaprefeita deCampos doJordão, Ana Cristina Machado César

1


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

Emílla Salvador Sítva,

Bahia: um destino gayfriendiy

é presidente da Bahiatursa

f preciso sepultar de uma vez por todas as situações constrangedoras, as piadinhas e o preconceito :pesquisãs comprovam que

do início das obras. Trancosojá conta

lio de turismo GLS (gays,

biliza dois hotéis gays. itacaré possui uma mega pousada gay ftiendly. A Associação Brasileira de Turismo para Gays. Lésbicas e Simpatizantes (Abrat GLS) fez uma pesquisa entre

e simpatizantes) movimenta anualmente nos Estados Unidos cerca

de ÜS$ 54 bilhões. É um público que realiza em média quatro viagens por ano, tem uma taxa de permanência maior nos destinos e gasta 30% a mais

que os heterossexuais.

O chamado pink money tem agitado

o público GLS sobre o que é determi nante para um destino ser considera do gay friendly. O itemcampeãofoi a qualidade no atendimento, seguido

também o lançamento e a promoção

ro, o preço.

relação aos gays. Sobretudo, nos ho téis, bares e restaurantes que se habi

As pesquisas realizadas para um

litam a atender este público.

(Miami e São Francisco) no segundo

maior conhecimento das preferências

A secretaria de turismo da Bahia e

semestre deste ano.

deste público, nos ensina que se tra

a Bahiatursa se preparam para este novo desafio: construirá Bahia como

Parcerias com o Grupo Gay da Bahia (GGB), a Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur) e o trade turístico são /undamenía/s para a arquitetura des

da qualidade dos hotéis e, em tercei

ta de um consumidor exigente e que

quer ser respeitado em sua orientação sexual. É preciso sepultar de uma vez

destino gay friendly, em âmbito na

por todas as situações constrangedo

meçou uma capacitação para atendi mento ao público GLS. Está previsto

ras, as piadinhas e o preconceito em

cional e internacional. Por isso, Já co

deste segmento nos Estados Unidos

se novo projeto que deve ser tocado em conjunto.

o mercado turístico. Ê uma fase de

transição entre o que antes era tabu e agora representa uma grande oportu nidade de negócio.

No Brasil cresce o número de operado

ras especializadas no segmento, em

baladas pela possibilidade de investir em um mercado novo, atraente e com

grande potencial de crescimento - se profissionalizado.

Só para citar um exemplo a Parada Gay em Sào Paulo - considerada a maior do mundo - com 13 anos, atrai cerca de 600 mil turistas com média

de uma semana de estada na cidade

e que aportam nocomércio local cerca de R$ 200 milhões.

Segundo o Ministério do Turismo, as cidades de Salvador, Rio de Janeiro,

Rorianopólis e São Paulosão conside radas destinos gay friendly no Brasil. Na Bahia Já existem ações espontâne as de empresários vinculados ao setor

ia noite.

O primeiro passo

um excelente dia

de hotelaria e alimentos e bebidas que atendem a esse público.

Em Arraial D'AJuda empresários que rem transformar a região no "roíeiro GLS mais charmoso do Brasil". Diver

sas lojas, restaurantes, bares e pousa das ostentam na fachada o selo Welcome GLS People.

Em Arembepe foi construído o primei ro condomínio GLS da Bahia, que ven deu 40% das unidades antes mesmo

www.

LufthansaCC.com FEIRAS NAALEMANHA

PAIM NOTAS PROMOÇÃO PRORROGADA A promoção lançada pela Pluna

Sleep

parao mês das mães—que dá gratuidade nos bilhetes emitidos para crianças menores de 12 anos — foi prorrogada até 18 de junho e continua válida para

Sleep Inn Galleria ^cjmpina.i Sleep Inn Ribeirão Preto

i

Sleep Inn Manaus Sleep Inn Varginha Sleep Inn Goiânia

INN

todas as rotas da Pluna. Os bilhetes, no entanto, devem ser emitidos até 31 de maio. Ficam

fora da promoção as tarifas de classes Y/M/B, os voos

operados em code-share e taxas de embarque, bem como de despacho de bagagem e outros

g yt L> ATLANTICA

pi^esente em todo o Brasil.

/ ,, lilinini" l/W jiiidi inos lti:rr jiiir r-" ! .

Mais de 70 hotéis no Brasil. Mais de 7.000 no mundo.

impostos e tributos aplicáveis. Para mais informações, acesse www.flypluna.com.

Reservas 0800 55 58 55

w

w

w

. a

tlanticatiotels.com.br

Grande SP 3 3 6 5 -4 7 7 5


26 de maio a 1" de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

OPERADORAS RENÉCASTRO n

"O Melhor do Brasil"

Jeanine Pires

quer embarcar 1,2 mil paxs por semana

A-.

vitória de

muitos significados

Poolé formado por cinco operadoras e começará a atuar em 4 de julho

-

^apnet^lascimento, Tam Viagens Visual^romoveram uma gran

de festa em São Paulo na semana

presidente da Embratur

No último dia 15, aIcca (International Congress &Convention Association) divulgou seu ranking de países que mais receberam eventos internacionais no mundo em 2008. ^ OBrasil, pelo terceiro ano consecutivo, estáentre os dez destinos que formam aelite ^ da entidade nesse segmento. Com 254 eventos, alcançamos asétima posição. E

f- ii-*

IMas gostaria de falar com vocês para refletirmos além da grande notícia - oaumento =

do número de eventos (que em 2007 foi de 209) easubida de uma posição (em = 2007, ficamos em oitavo lugar), Osignificado do nosso lugar no ranking extrapola E em muito esses números. Primeiro, somos oúnico país latino-americano afigurar E

Brasil". Com início em 4 de julho,

entre os dez maiores, enos mantemos fiá três anos nessa posição. Isso confirma, E no segmento de eventos, oque várias outras pesquisas demonstram em relação ao Ei turismo no Brasil - cada vez mais nos afirmamos como país líder na América do E

o projeto contempla os Estados

Sul e, em muitos aspectos, na América Latina.

da Bahia, de Pernambuco, do Ce

Operfil deste turista, que vem ao país para participar de um evento associativo, é E: bastante diferenciado. Adecisão da viagem para oBrasil não foi tomada por desejo E: de vir ao País em primeiro lugar, esim com oobjetivo de participar do evento. Ei IVIuitos deles estão no País pela primeira vez, eas Impressões eexperiências que E levarem serão decisivas para aimagem que carregarão por muito tempo. Étambém E um turista de alto poder aquisitivo, de nível de escolaridade muito elevado - oque E ocoloca entre aquele público que costumamos chamar de "formador de opinião". E

passada para apresentar aos agen tes de viagens o pool "O Melhor do

ará, do Rio Grande do Norte e de

Alagoas com produtos elaborados para os principais destinos de cada

região. O grande diferencial da par ceria está nas condições especiais criadas pelos organizadores, como

Alex Dissat (Marsans), Oswaido Freitas (Nascimento), Valter Onishi (Visual),

Ana Maria Berto (MMTGapnet), Adriano Gomes (Tam Viagens) eCíeiton Feijó (Nascimento) ampliar o período.

voos fretados com saídas em horá

"Estamos oferecendo uma

rios nobres e aos finais de semana, serviço de bordo especial, check-in

oportunidade

diferenciado no aeroporto, paga

Temos o melhor serviço,

mento em dez vezes, entre outras

o melhor preço, saídas com horários especiais, e o principal: para os me lhores destinos do Brasil", explicou Adriano Gomes,

vantagens. Serão sete saídas se manais: cinco aos sábados e duas

aos domingos. A previsão é de que a ação dure até 29 de novembro, mas, se depender dos dirigentes envolvidos na campanha, a idéia é

Outra característica Importante: tem um gasto médio bem acima dos US$ 165 de E um turista de negócios convencional. Uma prévia da pesquisa que realizamos E com aFundação Getúlio Vargas aponta que esta média ultrapassa US$ 300. E Este perfil demonstra como éimportante para as cidades que recebem os eventos a E

diferenciada

para o agente de viagens.

da Tam Viagens. A opinião, aliás, foi compartilhada por

oportunidade aberta pela visita de um viajante tão diferenciado.

r o secretário deTurismo de Alagoas, Virgínio Loureiro, o consultor da prefeitura de Natal, PauloGaudenzi

E

Eeste éooutro ponto muito importante. Aevolução da distribuição desses eventos E internacionais no País também éum grande resultado acomemorar. Em 2003, E Osecretário deTurismo deIpojuca, Diego Jatobá, aolado do

diretor de Turismo da prefeitura do município, Sérgio Leal

Ana Maria Berto, da

&

=

MMTGapnet, e Alex Dissat da Marsans, todos muito ani mados com a novidade.

profissionais. "Este projeto só foi re

alizado porque confiamos na força de venda dos agentes", afirmou ele, passando a palavra para Oswaido

EXPECTATIVA Já o gerente de Vendas da Vi

Freitas, da Nascimento, que frisou que "preço não será o problema",

sual Turismo, Valter Onishi, revelou que o grupo tem a

estando as empresas abertas a ne

expectativa de embarcar 1,2

tória", enalteceu Freitas.

gociações. "Viemos para fazer his

22 cidades brasileiras realizavam eventos internacionais dentro dos critérios da E Icca. Em 2008, este número saltou para 44 cidades, em todas as regiões do País. =

Eaconcretização, neste segmento, da diversidade que oBrasil oferece eque éo = carro-chefe da nossa promoção internacional. Mais cidades emais regiões passam = ase beneficiar da presença desse turista, criam infraestrutura ese qualificam como — destinos de eventos, movimentam uma ampla cadeia de serviços eganham mais = uma opção de sustentabilidade para osetor.

EE

Sempre trabalhamos para que oturismo ajude a grande tarefa de diminuir as = desigualdades regionais ede criar empregos e renda para oPaís. Os resultados =

apresentados na Icca são acomprovação da eficiência dessa estratégia. EÍ Precisamos, agora, olhar para ofuturo. Um dos segmentos que mais tem crescido E: no mundo, eque em todos os estudos de tendências aparece como um dos mais EE

mil passageiros por semana,

Marcaram presença no evento mais

promissores, é o que chamamos de IVIIce - meetings, incentive, conventions ~

e, para isso, pediu apoio aos

de 800 convidados, entre agentes

and exhibitions. Éuma combinação de eventos diversos, viagens de incentivo e EE

de viagens, secretários de Turismo

feiras. Nosso desafio éaproveitar aprojeção que opaís tem tido com os eventos =

do Nordeste e representantes dos grupos hoteleiros da região - cerca

intemaclonais eampliá-la para tudo oque compõe asigla Mice, AEmbratur já =

de 50 empreendimentosparticipam da campanha.

começou a trabalhar para isso.

=

iyMima,ca AChapada Diamantina é o lugar perfeito para passar o carnavaldo ano que vem. EsU

ndVPl byjPHphsdmn

é a opinião doiornaiista JosephSchmitt,

darevista node-americana Rage MorrtWy,

Carlos Magno (Tam Viagens), Eduardo Gachido (Atlantica), Claudia Pessôa

(Secretaria deTurismo deMaceió) com Adriano Gomes e

Clóvis Casemiro (Tam Viagens)

vcitada para o público 6LS.

Scfiniiil participou deuma press trip organizada pelaEmbratur e apaixonou-

se pek> Jocal. Na matéria, elesugere aos leitores 'nadar naslagoas deáguas

^nçois

naturais, aproveitar as cachoeiras com

CHAPADA OIAMANTIKA

hidromassagem e visitar cavernas, atémde experimentar as revigorantes caminhadas

pelastrilhas da região".

pulimantur (Juu!» utniumanai GMT EWTTC pretendem levar, na próxima reunião do G-20, — uma mensagem sobre o papel doturismo na recuperação da economia ^

Qualidade, Experiência, Segurança

mundial.

=

HOJE OSETOR éresponsável por 27% da exportação de =: serviços, 5% do PIB e 6% dos empregos dos países que fazem parte = do G-20, de acordo com a Organização Mundial doTurismo.

www.paclitour.com

=

VIAJAR para locais próximos ecom cultura autêntica. Para =

94% dos operadores Internacionais entrevistados em pesquisa do site = responsibletravel.com, esta é a tendência mundial em tempos de crise = econômica.

e_

E-mails para a coluna:conversando@embratur,gov.br =


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

HOTELARIA

Mantra pode ter sua marca em três resorts no Brasil

n FÁTIMA GATOEIRO Punia dei Este, Uruguai

0 gerente deVendas e Marlíeting,

Os projetos já incluem duas unidades no Nordeste,

Leonardo Meiro (abaixo), durante o lançamento do Mantra

mas o Rio também está na mira do grupo

Celebrations, que culminou com um desfile de vestidos de noiva

assinadoporoitorenomados estilistas uruguaios

Com 60% mais brasileiros na ocu-

>da última temporada, o Mantra

hotéis previstas, mas o Mantra Re sort Spa Casino será complementado í

Casino Punta dei Este, no

com a incorporação de um projeto

Uruguai, pode ter a projeção poraqui ampliada ainda mais a partir do pró

imobiliário que prevêa construçãode

ximo mês, quando deve ser oficiali

no entanto, terá, ainda este ano. a

zada a entrada da marca no País, por meio da administração de um resort

100 casas de alto padrão. A cidade,

grife By Mantra acrescida á denomi nação do tradicional cassino Nogarò •

Leading Spas. e tem a administração a cargo do médico endocrinologista brasileiro Felipe Pedrinola. Aesses di

GLAUCIO OLCHENSKI, OBRASILEIRO

QUE COMANDA ADIREÇÃO DE OPERAÇÕES DO MANTRA

ferenciais se soma uma infraestrutura

Já em fase adiantada de constru ção — na região Nordeste. O nome

o primeiro construído no üuguai, em 1938.Depropriedade da Direção Ge

do destino o diretor de Operações,

ral dos Cassinos do Uruguai - como.

de serviços que transforma o resort em um complexo, composto de uma

Glaucio Olchenski — que, por sinal, é brasileiro — , ainda mantém em sigi

a rigor, são todos os demais, exceto o

sala de cinema com capacidade para

lo, mas não a intenção de iniciar pelo País o ambicioso plano de expansão

ço está sendo inteiramente renovado pelo Mantra. em um projeto orçado

que prevê, até 2012, difundir a grife

em US$ 18 milhões, que transfor

Mantra pela América do Sul, Euro pa e África. "Já fomos prospectados para três projetos no Brasil, mas apenas um (no Nordeste) está em estágio avançado de negociação ,

mará a área em um completo centro

restaurantes, uma boate e dois bares,

jávirou ponto deencontro decelebri

confirma Olchenski. "Faltam apenas

além do cassino.

dades e palco para desfiles de moda,

tions integra todas as soluções em um único shoLü room assinado pela grife Versace Home. "Para este grande lançamento, reuni

entre outros eventos que costumam

mos em Punta dei Este as principais

mês um GSA. "Acreditamos muito

wedding planners do Uruguai e tam

no potencial do Brasil para o Mantra

bém da Argentina e realizamos um ca samento de verdade, organizado com o envolvimento de todos os parceiros

Celebrations. Além dos muitos cená

detalhes para que o negócio seja efe tivado, o que pode ocorreraté o início de junho. Se assim for, poderemos confirmar a abertura para outubro,

porque o empreendimento está prati camente pronto", completa o diretor,

administrado pelo Conrad - o espa

juntas podem abrigar um evento de

os principais fornecedores envolvidos no planejamento de celebrações, seja

até 500 pessoas, dois restaurantes, um ivine bare um cassino estilo buti-

de cinema, cafeteria, um teatro com

Beach, construído a poucos metros

Desde que assumiu a direção de Ope rações do Mantra Resort Spa Casino Punta dei Este, há pouco mais de um ano, Olchenski tem trabalhado para

quenoentanto, se diz cauteloso e cri

posicionar o resort como produto vol

terioso na seleção dos projetos, que,

tado ao mercado de luxo. O spa do

ele define, "devem concentrar-se em

hotel, o The Balance, distribuído por 1,5 mil metros quadrados divididos

unidades exclusivas, de médio para pequeno porte". Para Punta dei Este, de acordo com Olchenski, não há aberturas de novos

área de Alimentos e Bebidas do re sort. Desenvolvido em parceria com

que. E, mais recentemente, o Mantra

MERCADO DE LUXO

em oito salas de tratamento e equipa do com cabeleireiro e fitness center, é o único do Uruguai a figurar na lista

PLUNA VÁI tiGAR MONTEVIDÉU APORTO ALEGRE EM AGOSTO

participação do Mantra nesse nicho

acomodar 160 pessoas, um centro de convenções com quatro salas, que

de entretenimeto. com quatro salas

capacidade para 250 pessoas, dois

Melro, o objetivo é ampliar em 10% a

de aniversário, formatura e, principal mente, casamento, o Mantra Celebra

do resort, mais junto ao mar, e que

atrair personalidades dojeí setlocal e de paísesvizinhos, como Argentina e Brasil, que hoje disputam a primeira colocação entre os principais merca dos para o Mantra. E foi justamente esse o espaço que

"É uma meta ambiciosa, mas plena mente viável. Temos sete áreas dife

rentes disponíveis paraa realização de eventos sociais", lembra o diretor.

No Brasil, Melro planeja fazer dois

lançamentos, um em São Paulo, para o mercado do sudeste, e outro específico para a região Sul. onde. aliás, o Mantra nomeará ainda neste

que participam do projeto", explica o gerente de Vendas e Marketing, Leo

rios de que dispomos para a realiza ção dos eventos, temos ainda como

vantagem um leque de serviços adi cionais que podem ser agregados ao pacote, como spa. cabeíe/re/ro,

abrigou noInício deste mês a festa de

nardo MelK), outro brasileiro que inte

lançamento do Mantra Celebrations, mais novo produto que o resort for mata, desta vez focando como alvo

gra a equipe de executivos doMantra e ao qual se juntam — além de Ol

transfers, enfim, as possibilidades

chenski — Jefferson Amorim. gerente

O Jornal PANROTAS ulajou a conulte

o nicho de eventos sociais, que res

ponde por 5% da movimentação da

são imensas", conclui.

operacional, e Alex Nasser. gerente de

do Mantra Resort Spa Casino e da Pluna

Alimentos e Bebidas. De acordo com

TMCs BRASILEIROS VISITAM PUNTA Entre 15 e 17 de maio. representantes de cinco

grandes TMCs paulistas visitaram oMantra Resort Spa Casino a convite do empreendimento e com

Além da nova freqüência que abrirá entre São Paulo e Montevidéu a par

apoio dacompanhia Pluna. Ogrupo, formado por

tir de 21 de junho, a Pluna amplia a presença no Brasil inaugurando em

Claudia Secioso (BCD/Avipam), Vera Campacci

César Nunez, o novo serviço será operado quatro vezes por semana,

Travei). Thaísa Uang (HRQ) e Ariana Mangolini (Maringá), viajou acompanhado do representante

usando o mesmo equipamento empregado nas demais ligações com o

de Vendas do Mantra no Brasil, Rafael Grosso

agosto uma nova rota, desta vez ligando acapital uruguaia aPorto Ale gre. De acordo com oagente comercial da companhia aérea uruguaia.

ainda no primeiro ano de operações.

(Class Tour), Ricardo Almeida (Carison Wagonlit

Brasil (Rio de Janeiro e Curitiba, além de São Paulo), oCRJ-900 da ca

(Trip Outside), e deCésar Alruiz Nuüez. daPluna.

nadense Bombardier.

O objetivo foi apresentar aos profissionais o

Nuftez. que acompanhou um grupo de TMCs na visita a Punta dei Este na semana passada {leia hox ao lado) diz que uma rota ligando direta

potencial do resort e do destino Punta dei Este para sediar eventos e incentivos, especialmente

mente o Brasil a esse destino uruguaio ainda não está nos planos da

fora da temporada.

Ricardo Almeida (CWT). Claudia Secioso (BCD/Avipam),

Rafael Grosso (Trip Outside/Mantra), Fátima Gatoeiro (PANROTAS). Thaísa Liang (HRG), Ariana Mangolini (Maringá) eCésar Nuíiez (Pluna)

companhia. "Mas quem viaja conosco via Montevidéu já pode sair do Brasil com o trecho terrestre acoplado ao bilhete aéreo. O percurso é de apenas lh20 e feito em ônibus privativo ou vans. em caso de grupos menores", explica Nunez.

De acordo com Nunez. a companhia quer valer-se de seu hub em Mon

TIA AUGUSTA TEM MUITO MAIS PRA VOCE

tevidéu para captar uma faüa maior de mercado entre os brasileiros que viajam pelo Cone Sul. Além de possibilitar conexões para o Chile, via Santiago, aArgentina também teve os serviços recentemente ampliados pela Pluna, com vôos para Buenos Aires eCórdoba, destinos aos quais se Juntará Trelew, na Patagônia, a partir do próximo dia 27. iis informações: (11) 3711-9158 ou www.flypluna.com

Jtxt

Sua ferramenta on-line

para vender ARGENTINA

www.pluralis.coin.ar

RADIUL Saída; 02/07 -11 noites Apartirde entrada 9XU$2S0. Umadata táo importante óevcser comemorada emgrande estilo. Meus15 anos emOrlando ByHa Augusta.

RADICAL &MIAMI Saida; 07/07- 13 noites

Além da magia dosparques, a Tia Augusta larácom que a suaviagem sejainesqueciveJ. comnovidades antes,durante e depois.

Pagamento em 15X sem juros*, mochila e uniforme exclusivos. TV Tia Augusta, balada de vúversãrio, mensagensenviadas por amigos e familiaies. entreoutras surpresas.

VáKde pdra todosos raMrosdeOriaiido

wwvuneusl 5onos«morlondo.com.br •VtUo apenas para mertnas nascidas em1994 mcvUoAMEX. (30Kentrada •M4X)

Apartir deentrada + 9X U$ 276, Saída 02/07-10 noites

RADICAL &NEWYORK

Apartir deentrada -t- 9X US 250.

Saída: 17/07 -13 noites

Apartir deentrada+ 9XU$ 295.

CONSULTE-NOS SOBRE OS ROTEIROS euroteen,

I EBAWLOCHE RADICAL

PARCELAS RXAS EU REMS.

SEMANA DA CRIANÇA RADICAL Saída: 08/10-08 noites

Apartir deentrada + 9X U$ 227, Saída: 10/10-07 noites

Apartir deentrada+ 9XU$ 208.

O

Tia Augusta CONFIANÇA É TUDO

Preços por pessoa, apto. QOPem U$. Valores em US nnverltdos emF»»câmbiododia, Mieitos a rartaçío camUal no ao da resarva.

ConsuIlHios sobre aseowBçôes gerais doroBtto escoOildo. f>KO)es sujeitoa confirmaçSo.

3068.5111

wwvitiaaugusfa.com.br


26 de maio a 1° de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

MGIVI reúne 2,5 mil profissionais em

EVENTOS FELIPE NIEMEYERÍ

I

Curitiba (PR)

wn nw MvKJÍrk^ i\01hIU VV

operadora comemora sucesso do evento, crescimento de vendas planeja novas filiais pelo Brasil até 2010e

Operadora promoveu no

lltimo^ 14, no Estação Embratel -'onvenlWh Center, na capital para naense, o 7° Workshow MGM, com

o objetivo de fortalecer parcerias entre fornecedores e compradores e apresentar os diversos produtos comercializados pela operadora. O evento reuniu aproximadamente 2,5

mil profissionais do setor e a expec tativa é de que a feira tenha movi mentado cerca de ÜS$ 2 milhões em negócios. Na ocasião, a MGM

ARNALDO LEVANDOWSKI. DIRETOR COMERCIAL DAMGM, SATISFEITO COM O RESULTADO DE

DRIO GRANDE DO NORTE GRANDE PATROCINADOR DO V

PÚBLICO ENEGÓCIOS GERADOS

aproveitou para detalhar os próxi

WORKSHDW

mos passos para a consolidação da operadora em âmbito nacional.

cutivo, a média de crescimento anu

cresceu 35%.

De acordo com o diretor comercial

al do evento é de 20% no número de

término da sétima edição, Levando wski anunciava para 6 de maio de

E antes mesmo do

da MGM, Arnaldo Levandowski, foi

visitantes, mas este ano, por conta

investido ÜS$ 1 milhão para a reali

da abertura das filiais do Rio de Ja

2010 a realização da oitava edição.

zação do workshow. Segundo o exe-

neiro e de São Paulo, o movimento

A gerente geral da operadora, Ja-

queline Rodrigues, garante que já há inscrições de expositores para o evento do ano que vem. "Este ano

houve até lista de espera", acres centa.

IBEROSTAR HOTELS

&

A MGM, que recentemente abriu es

RESORTS

critórios em São Paulo e no Rio de

Janeiro, vai continuar a expansão até o final do ano com as inaugura

APRESENTAÇÃODETONI NO MOINHO EVENTOS ENCERROU O WORKSHOW

ções de Blumenau (SC) e Londrina

*

Um dia dos namorados ★

inesquecível...

*

(PR). A ação justifica, na opinião

curados pelos brasileiros. O evento

menau e Londrina, a expectativa é

do diretor, o aumento no número

também foi marcado pelo lança

aumentar o faturamento em 80%.

Já para 2010 o plano é chegar nas

de participantes do Paraná, Rio de

mento de produtos e o anúncio de

Janeiro, São Paulo, Santa Catarina

novidades pelos diversos depar

e Rio Grande do Sul entre o público inscrito para esta edição, que teve o Rio Grande do Norte como grande

regiões Centro-Oeste e Nordeste.

tamentos da MGM e pelo show do cantor Toni Garrido, que animou o

Os mercados estudados são Recife, Salvador, Belo Horizonte, Brasília e

jantar de encerramento realizado no

Vitória. "Também estamos investin

Moinho Eventos.

do cada vez mais nos produtos per sonalizados e com valor agregado. Nos últimos três meses, por exem plo, criamos dois departamentos

patrocinador. üma das novidades do evento foi

a participação de Aruba, que rea

EXPANSÃO

lizou no workshow uma das etapas do roadshow que percorre o Brasil, por meio do qual os agentes de via

A estratégia de ampliar a presen ça da empresa em outros Estados, acredita o diretor, tem garantido

gens estão conhecendo melhor os

crescimento nas vendas e a conso

por enquanto apenas no Brasil, mas

motivos que fazem dessa ilha um

lidação da marca no mercado na

que será estendido ao Exterior - e o

dos destinos caribenhos mais pro-

cional.

Ainda

no dia 12/06 Mínimo de 3 noites com crianças grátis dividindo o mesmo apartamento com os pais. www.iberostar.com.br | Tel/Fax Bahia: +55 71 3676-4200 reservas.bahia@iberostar.com.br | comercial@iberostar.com.br

•Apromoção "Mínimo denoites" é válida até30dejunho de2009 e"Crianças grátis' até 02 de agosto de 2009.

MGM Exótico, com destinos interna

segundo Levandowski, as

cionais", disse. "Estamos buscando

www.

aberturas dos novos escritórios já

LufthansaCC.com

permitiram à empresa aumentar

criar uma identidade para ambas as marcas afirmou Chagas.

PASSES DE TREM

Show especial Vanessa da Mata

específicos: o MGM Charme, com produtos do segmento de charme -

em 40% o faturamento. Com as inaugurações das filiais em Blu

O Jornal PANROTAS uiajou a conuite da MGM


26 de maio a 1^ de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

Companhia tem a expectativa de

oetrip.co'"'"

atender 81 cidades até o final do ano

• ••••••** *

RENÊ CASTRO •

Trip chega a ilhéus(BA) e

r

para iniciar esta semana (dia 27).

a conversa que o diretor de Marketing

Londrlna-Cuiabá-Manaus.

O novo serviço começa em Vitória e

e Vendas da aérea, Evaristo Mascare

e Águia Branca - e pela companhia

passa, de segunda à sexta, também por Salvador, Petrolina (PE) e Vitória

nhas de Paula, teve com o prefeito da cidade, Barbosa Heto. Na ocasião, o

Para suportar a expansão, o presi dente da Trip, José Mário Caprioli, já

norte-americana Sky West, dona de

da Conquista (BA). Outra operação

dirigente afirmou que a empresa vai

pensa em ampliara equipede funcio nários, que hojeé de cerca de 1,2 mil

operar novos voos do aeroporto de

funcionários, mas deve chegar a dois

20%do capital da empresa - tem pla

recente em território baiano, Iniciada no último dia 2, é a ligação entre Len

Londrina para Riode Janeiro, Cuiabá,

mil até o final do ano. Existe também

çóis e Salvador. O voo, por enquanto,

Manaus e Foz do Iguaçu (PR) a par

a expectativa de crescimento da fro

é operado apenas aos sábados.

tir do próximo mês - diariamente. De

ta, saltando dos atuais 22 aviões para

acordo com Mascarenhas, as novas

30 até dezembro.

. As máquinas estão funcionando , a todo vapor na Tríp. A aérea regio nal, controlada pelos grupos Caprioli

nos ambiciosos de crescimento para

este ano. Entre os principais anún cios está a ampliação de rotas, que

hoje atendem 67 cidades brasileiras. Aliás, o 680 município a receber as aeronaves da companhia será Ilhéus

SUL DO BRASIL

rotas terão os seguintes trechos: Por

Outra localidade de interesse da Trip

to Alegre-Foz do Iguaçu-Londrina-Rio

(BA), com operação programada

é Londrina, no Paraná. Prova disso foi

de Janeiro e Rio de Janeiro-Curitiba-

PAN NOTAS GÜARÜJA CVB Como resultado de uma iniciativa I desenvolvida em parceria com :

as secretarias municipais de turismo, esportes e cultura e a Associação Comercial e

^ :

Empresarial de Guarujá (Aceg),

]

Evaristo Mascarenhas de Paula, diretor de

Marketing e Vendas daTrip

NÃO FIQUE FORA DO MAIOR EVENTO PRIVADO DE TURISMO DO BRASIL,..

:

0 Guarujá Convention &Visitors Bureau constitui um Comitê de Fomento a Eventos. O objetivo

da divisão, segundo o presidente da entidade, Ricardo Andrés Roman Júnior, é agir conjunta e coordenadamente nas ações de incremento ao turismo de eventos na cidade. Os membros

se reunirão quinzenalmente

para discutira implementação de ações. Alémde Roman e sua diretora executiva Ana

Maria Carvaiho. pelo Guarujá CVB, integramo grupo Ricardo Joaquim Augusto de Oliveira e Artur Nicanor Castro, da secretaria de Turismo; Pedro Richasid Neto e Rui Silva, da secretaria de Cultura; Pauio Plasenti e Elio Lopes dos Santos, da secretaria do Meio

GARANTA JÁ SEU ESIANDE

1Ambiente; e Ricardo Louzada, I iVIarceio Stuque e Wagner

I Rodrigo Cruz de Souza, da Aceg.

AEROSÜR A Aerosur firmou uma parceria com aTam para transportar

passageiros na rotaBrasília-São Paulo-Brasítia, Rio de JaneiroSão Paulo-Rio de Janeiro

e Porto Alegre-São Paulo-Porto

Alegrecom destino à Bolívia. A parceria levará os clientes

CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA COMPRA ANTECIPADA

brasilienses. cariocas, paulistas

e gaúchos para La Paz, a partir de conexões no

aeroportode Guarulhos, em São Paulo. Para mais informações: i www.aerosur.com

LEASING NA EUROPA Comprando 17 dias você ganhará _

Workshops Trend 2009 11° Workshop Trend - Atibaia, São Paulo •26 de Setembro de 2009 5° Workshop Trend - Rio de Janeiro •20 de Outubro de 2009

PARA MAIORES INFORMAÇÕES OU DÚVIDAS SOBRE OS EVENTOS:

contato@workshoptrenci.com.br 04 CS o C6

TT Operadora

0

+55 11 3123,8555

Lufthaiwa City Center

0800 11 53 03

L,.f-..;7-..•ax; -í:TT:

WORKSHOPS TREND SloPMjto* Rio de Janeiro

consultoria, auéuorüi ã intãHgtnda

m busineu travei


26 de maio a

de junho de 2009

BRASÍLIA

JORNAL PANROTAS

POLÍTICAS DO TURISMO brasüia® panrotas.com.br

política

Candidatura do Rio para Olimpíada de 2016 chega ao Congresso O presidente da Câmara. MIchel Temer,

Credencial dos atletas pode servir como visto de entrada no Brasil, de acordo com o COB o presifente do Comitê Olímpico

tBrasileirqfflboB), Carlos Arthur Nuzíve na última quarta-feira (20/05) com o presidente da Câma ra, Michel Temer. Nuzman foi convi

no encontro com o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman,e deputados

Segundo as normas estabelecidas pelo Comitê Olímpico Internacional (COl), os profissionais estrangeiros que ingressarem no País para atuar na organização dos Jogos Rio 2016 terão permissão de trabalho isenta

man, a integração com as outras ci

foram necessários quatro turnos para

na nossa defesa. Existe uma questão

dades será promovida pelo esporte

escolher a cidade de Londres - destino

social que não pode ser desconside

e pelo turismo. Muitas poderão ser reconhecidas na Olimpíada de 2016 como centro de treinamentos ou pe

que o COB tomou como referência para

rada", lembrou Nuzman.

desenvolver o plano do Rio.

O presidente do COB convidou os paríamentares da CTD para visi

"Apresentamos aos delegados um

da cobrança de taxa ou outros en

Os aspectos da Marca Brasil, segun

mapa que indicava os pontos onde foram realizadas as Olimpíadas. E

tarem o Rio e realizarem o mesmo

Desporto (CTD) a participar de uma audiência pública para apresentar

cargos, com período de permanên

do ele, foram utilizados em todo o

o Hemisfério Sul estava nulo, com

fizeram quando estiveram na capital

o projeto de candidatura do Rio de

cia variável de acordo com a neces

fluminense a fim de conhecerem de

sidade.

processo de defesa da candidatura e o apelo turístico do País, além da

exceção de um único ponto na Aus

Janeiro.

trália. Esse é um tópico fundamental

perto o projeto olímpico.

dado pela Comissão de Turismo e

los seus atrativos turísticos.

infraestrutura prevista, será um di

O presidente do COB aproveitou o encontro para pedir agilidade na tra

CONFIANTE NA ESCOLHA

mitação do Projeto de Lei 4667/09,

Na audiência, que contou com a par

res que vão decidir entre as quatro

do Executivo, que institui o Ato

ticipação de esportistas como o exjogador de vôlei Bernardo e o ex-di-

cidades selecionadas (Madri, Rio de

Olímpico. Segundo ele, as normas estabelecidas na matéria precisam

ferencial para os delegados eleito

os diretores do COB demonstraram

cidade

confiança na escolha do Rio. Nuz

da cidade do Rio de Janeiro e esta

belece regras especiais para a reali zação dos jogos. Muitas delas estão relacionadas à questão do visto de

Janeiro, Washington e Tóquio).

man entregou ao presidente da CTD, deputado Afonso Hamm, uma cópia

do processo de defesa da candidatu ra apresentado ao COl, que, segundo ele, foi considerado "perfeito". Além do processo de 538 páginas, o COB ainda reuniu 100 pares de garantias, das quais fazem parte 600 contratos

Otávio Leite

res. O apelo turístico do Rio e do Brasil como um todo é fundamental

e pode influenciar na decisão", afir mou Nuzman.

O resultado da eleição da cidade sede

Além do Rio, o COB ainda apontou

da a cidade com menos votos. A es

junto com o passaporte. No caso das Olimpíadas é preciso fazer essas

no processo as cidades de São Pau

colha de Pequim como cidade sede para os Jogos Olímpicos de 2008

mudanças antes da escolha da cida

dor, como pontos de apoio durante

de sede", explicou.

os Jogos Olímpicos. Segundo Nuz-

precisou apenas de dois turnos. Já para a escolha da Olimpíada de 2012,

VALORIZE AINDA MAIS

Regulamentação dos agentes: mais uma etapa

será divulgado em 2 de outubro. O

com a hotelaria.

lo, Belo Horizonte, Brasília e Salva

deputado federal E-mail: gabinete@otavioleite.com.br

"Agora, começa um trabalho de convencimento político dos eleito

vir como visto de entrada no Brasil,

"A credencial dos atletas deverá ser

com

CONVENCIMENTO POLÍTICO

processo do Rio será avaliado por 93 delegados. Em cada turno é elimina

entrada no País.

HAR POLÍTICO

rigente do Flamengo, Márcio Braga,

de aprovação antes da escolha da sede, diferente da Copa, quando as modificações podem ser feitas depois da eleição da sede. O PL assegura garantias à candidatura

itinerário que os membros do COl

EMISSÃO PREMIADA!

SUAS EMISSÕES!

Os agentes de viagens já estavam achando que a via crúcis do PL 5120/2001, que trata da regulamentação da atividade no Congresso, já tinha acabado, quando descobriram que a proposição ainda está sujeita à apreciação do plenário da Câmara. Até quarta-feira, dia 27, a mesa aguarda a apresentação de recurso pelos deputados. Uma vez que o PL foi aprovado pelo plenário do Senado, necessariamente a matéria terá de ser submetida ao plenário da Câmara. Agora, mais uma vez, é tratar a mobilização das instituições e da articulação na Câmara. O autor do PL, deputado Alex Canziani, já está se movimentando ao lado de parlamentares da Comissão de Turismo e Desporto. A idéia é encaminhar ao colégio de líderes partidários (que influenciam na organização da pauta) o pleito de priorização para votar em plenário o quanto antes. Se aprovado, o texto que sairá da Câmara - esperamos que mais cedo do que mais tarde - terá de ser bem recebido no executivo para que não tenha o mesmo destino que alguns dispositivos da Lei Geral de Turismo: o veto.

POR FALAR EM VETOS... No último dia 6, o Congresso analisou 943 vetos e no dia 13, mais 83. A LGT foi um deles. E os vetos foram mantidos. O

Congresso poderá se reunir novamente neste mês para analisar mais vetos presidenciais. Existem ainda 34 vetos prontos para a ordem do dia.

A Emissão Premiada é exclusiva

para você, agente de viagens: a cada passagem aérea nacional TAM, no período de 21/mar a 20/jun, o agente irá ganhar

um bônus de R$ 2,00, que será creditado em Multicash e poderá ser utilizado em qualquer loja da Rede Pão de Açúcar (Supermercados Pão de Açúcar, Extra, CompreBem e ExtraEletro). Consulte regras da promoção.

Yonder Turismo e Empreendimentos Ltda.

OnOER

(11) 3842-8000 / (11) 3842-0080 www.yonder.com.br

O fato é que se o atual processo de avaliação dos vetos não fosse tão "pré-histórico", talvez os agentes não tivessem de passar por esse martírio. Projetos amplamente discutidos e aprovados na Câmara e no Senado, como a própria LGT (que teve os artigos que disciplinavam sobre a regulamentação da atividade dos agentes de viagens e a classificação do turismo receptivo como agente econômico exportador vetados, para citar alguns), retornam para o Legislativo após sofrerem restrições pelo presidente da República, e são apreciados sem qualquer debate. Na prática, o Congresso abdica de uma importante prerrogativa: a de rejeição ao veto. A maioria absoluta dos parlamentares - metade mais um - pode rejeitar a decisão do presidente, revigorando o texto inicial.

É um absurdo que o Congresso avaliecentenas de vetos em uma mesma sessão. Não é possível que os parlamentares acreditem estar tomando a decisão certa usando apenas uma cédula de papel para concordar ou não com o veto - que deveria ser objeto de debate em uma comissão composta por deputados e senadores.

Foi essa a proposta que apresentei ao presidente do Congresso, José Sarney, quando empossado como líder da minoria. Enquanto isso não vira realidade, agentes e muitos outros segmentos da sociedade, vítimas da degola presidencial, prosseguem correndo atrás de justiça.


26 de maio a 1° de junho de 2009 26 DE MAIO A 31 DEJULHO DE2009

JORNAL PANROTAS

marjori@panrotas.com.br

AGENDA Confira agenda completa no www.panrotas.com.br

iiiiMiiMrüiiiniiiiiiiiiii

junho

maio Local; Frankairt, Alemanha

Imex 2009

Informações: www.imex-frankfurt.com

2* Semana

Local: Restaurante TarsHa, São Pauto

Gastronômica do Ctiile

Informações: (11) 3016-2960

Palestra Machu Pícchu - Além da Trilha Inca

Local: Kailash Concept Store, São Paulo Informações: www.pisa.tur.br Local: Centro Fecomerdo de Eventos.

Espaço BusinessShow

Sào Paulo

Informações: www.feiraebs.com.br

Workshop Rio Quente Resorts

íi

Local: Espaço Zanzara, Campinas (SP) Informações: rubens@rqr.com.br

Premiaçao Top Skyteam 2008 Coquetel para agentes de viagens da Intermac

Local: Museum Restaurante, São Paulo

Festival de Turismo das Cataratas do

Local: Rafaln Palace Hotel &

Iguaçu e 3- Fórum

Informações:

Internacional de

Turismo do Iguassu

Local: Bar do Salomão, São Paulo Informações:

13» Salão São Paulo de Turismo e 9^

paulo@macassistencia.com.br

Congresso do Turismo

Informações: www.wincentraldeeventos.

Litoral Verde

Local: Bar Brahma, Sào Paulo

Operadora promova encontro com agentes de viagens

Informações: (11) 3405-6961 ou comercial.sp@litoralverde.com.br

Informações:

www.salaospturismo.com.br

Internacional de

Congresso de Destinos Religiosos

WorIdAirTransport

iofonmções: www.ecatur.com.br Local: Costâo do Santinho Resorl, São Pauio

ZV Exprotel

5^ Congresso Cidades-Santuário e 2>

Local: Costâo do Santinho. Florianópolis

Ecatur 2009

Informações: (48) 3222-8492

Local: Santuário de Fátima, Portugal Informações:

julho

www.congressofatima2009.cm-ourem.pt

Salão do Turismo • Roteiros do

Local: Kuala Lumpur, Malásia Informações: www.1ata.org

Brasil

Centro-Oeste de Hotéis, Bares e Restaurantes

com.br/especialidades

Summit

Local: Hotel Ouro Minas, Belo Horizonte Informações: claudia.moura@tam.com.br

Australian Tourism

Local: Meibourne, Austrália

I^^RoadShow 2009

Exchange 2009

Informações: www.visitvictoria.com

Argentina no Brasil

Local: Centro de Eventos São Luis. São Paulo

Paulista

General Meeting and

Local: Goiânia

www.festivalintemacionalturismo.com

informações: (11) 5181-5701

65th lATAAnnual

Especialidades• V Congresso e Feira

Convention Center, Foz do Iguaçu (M?)

L^l: Centro de Exposições do ^ Anhembi, São Paulo

Informações: www.saiaodoturi com.br

Local: Restaurantes de Porto Seguro

5^ Festival

Gastronômico da Costa do Descobrimento

e região

Informações: portugalglobal@yahoo com.br

PAN NOTAS

A Movida mova mais uma vez

EMIRATES A Emirates iniciará em 27 de

a locação Carbon Free.

junhouma novaoperação para a ilha Maurício, com saída de

Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Os dois voos - às quintas

Um novo diferencial para a locação de seu cliente. Um novo diferencial para o conforto de nosso Planeta.

e aos sábados - ficarão na malha

da empresa até 27 de março do ano que vem. Outro projeto em andamento, mas para 1° julho, é a inclusão da rota circular de Dubai

; para Male (Maldivas) e Colombo (Sri Lanka), às segundas, quartas e sextas-feiras. Neste caso, o voo

i

• será operado até 26 de março de

-

2010. Mais informações no

^

(11)5503-5000.

:

BALANÇO Nobalançode novembro de 2008 : a abril deste ano, considerado

primeiro semestre na rede Club Med. a empresa registrou aumento r de 12% no faturamento das

vendas no Brasil, comparado a

igualperíodo de 2008. Destaque para o aumentode 5% no volume total de vendas no segmento de

lazer,chegando a 110 mil diárias. Já para o segundo semestre da rede, que vaide maioa outubro, o Club Med já registrou que as

vendas no segmento de lazer já estão 50% acima, em comparação ao mesmo período de 2008.

TREINAMENTO

A Movida está com uma novidade que vai tornar a locaçao de seus clientes ainda melhor: a locação Carbon Free.

Por apenas

Escolhendo este serviço, a Movida neutraliza a emissão de C02 da locação, plantando árvores no território brasileiro.

A Trend Operadora está reestruturando o escritório no Rio

Para mais informações acesse o Hotsite Carbon Free:

de Janeiro e, em junho, inaugura

movida.com.br/carbonfree.

Todo o valor arrecadado será

revertido para

um centro de treinamento com

capacidade para 25 pessoas exclusivo para a realização de ações de treinamento e capacitação de mercado.

f

o processo de

Seja consciente, para as locações de seus clientes escolha

neutralização.

a opção Carbon Free.

Segundo o executivo da Trend, Leo Balardiischvili, "a operadora acredita no mercado carioca e

está investindo para consolidar 0 posicionamento da empresa no momento de crise para sair fortalecida dela". A Trend registrou

; crescimento de 40% no segmento : nacional em 2008 e 100% no

internacional no Rio, que foi estimulado pela implantação

carDon

do novo sistema em maio do

free

; ano passado. "O sistema conta

com 15 operadoras de hotéis internacionais on-line, além da 1 Alamo e da Hertz.

movida.com.br

0800 606 8686

Seu mundo em movimento


IMNIl 26 de maio a 1® de junho de 2009

SAO PAULO

JORNAL PANROTAS

o TURISMO NO INTERIOR EVENTOS

vera@panrotas.com.br

I : 111 i 1i I I i i

AnCOR/

Campinas e Região CVB

A sua operadora do

comemora posição do destino no ranl<ing da Icca

interior de São Paulo.

Presidente da entidade diz que esforços dos associados ajudaram a atingir sétima colocação

rComo >divulgado no ranking da

ticipação em feiras nacionais e in

de eventos em Campinas e região fi

ternacionais, com o objetivo de dar

C^W^iífcn Association), Campinas

cou em R$ 1,5 bilhão, gerado pela

mais visibilidade à entidade e ao

se manteve em sétimo lugar entre as

destino. "Somente este ano partici

realização de congressos e conven ções (80%) e outros acontecimentos como o Jaguariúna Rodeo Festival, a Festa das Frutas, entre muitos

(Internationai Congress and

cidades brasileiras que mais recebe

paremos de mais cinco, incluindo

ram eventos de porte internacional

duas internacionais: La Cumbre, 9 a 11 de setembro, em Porto Rico; e Frr, 14 a 17 de novembro, em Bue-

em 2008. A posição foi conquista por Campinas em 2007 e, no ano

de R$ 1,8 milhão ao ano, verba que será empregada em projetos volta dos ao turismo, que serão avaliados pelo Conselho Municipal de Turismo

nos próximos dias 27 e 28, em São

na cidade, como o Mova-se (Movi

Paulo; Avirrp, em 28 e 29 de agosto, em Ribeirão Preto (SP), e Feira das

capitais constam nesta listagem", destaca o presidente do Campinas e

Américas-Abav 2009, de 22 a 25 de

mento em Defesa da Produção e do Emprego), que aconteceu em abril e reuniu as lideranças locais. Dois

agosto, no Rio de Janeiro.

eventos que serão realizados em no

Iguaçu, no Paraná.

Guimarães avalia que a permanên

de semana e feriados.

A estimativa é que o Fatur arreca

ranking de eventos na cidade. O CRCVB apoia eventos realizados

fato que merece ser comemora do, pois somente duas cidades não

De acordo com Guimarães, a voca ção de Campinas para o turismo de negócios é evidente, tanto pela Infraestrutura que oferece, como pelos

cos na cidade, em especial nos finais

e de logística são as que lideram o

rão: EBS (Espaço Business Show),

Região Convention & Visitors Bureau (CRCVB), Luiz Antônio Guimarães {foto), referindo-se também a Foz do

desenvolver e incentivar a manuten ção das atividades e eventos turísti

outros. As áreas médica, científica

passado, de acordo com a listagem da associação, o destino conseguiu permanecer no sétimo lugar. "É um

no Aires", salienta. As nacionais se

13.484, que trata do assunto, em de zembro de 2008, com o objetivo de

(Contur).

FESTIVAL Um destes projetos é o Muito + Cam

vembro, o Slaca e o Campinas Café

pinas, programa que prevê ações em diversos setores, como negócios,

Festival, também integrama agenda da entidade.

des trunfos da entidade é a união dos

cultura, gastronomia, entre outros. A

Segundo Guimarães, o trabalho con

associados. "A hotelaria, por exem

quista frutos. O CRCVB captou 15

plo, entende o trabalho desenvolvi

primeira atividade será o Campinas Muito + Gastronomia, que promove

cia no ranking da Icca deve-se tam

atrativos; embora ainda não dispo nha de um centro de exposições e

novos associados nos últimos três

bém ao trabalho do bureau, que hoje

do e a importância da manutenção

convenções. O bureau registra seis

meses. Entre esses novos membros,

é um grande articulador do setor na

mil eventos por ano na região, com a geração de 30 a 40 mil empregos di

do bureau, que vive basicamente da

rá um festival gastronômico entre 16 e 25 de julho.

estão empresas importantes e re presentativas, como a Ancoradouro,

taxa de turismo, como ocorre com todos os bureaux", destaca.

sil. Os restaurantes que participarem

região, e registra intenso trabalho de divulgação. Os esforços incluem visi

retos e Indiretos, além de movimen

tas a cidades vizinhas, como Atibaia,

líder em seu segmento no interior de

tar 52 segmentos dos municípios,

Esta união foi imprescindível para

São Paulo. O dirigente destaca que o

a implementação do Fatur (Fundo

O tema será o Ano da França no Bra criarão um prato exclusivo alusivo ao país, com preço fixo. Cada esta belecimento interessado deverá se

Jaguariúna, Sumaré, São José dos

que vão desde hotéis, restaurantes e

Campos e Campos do Jordão, que também possuem potencial para re

CRCVB contará com mais dois ho

de Apoio ao Turismo Municipal), o

casas noturnas até táxis e comércio.

téis mantenedores em breve.

inscrever e pagar uma taxa, que terá

ceber grande eventos.

ÍVIOVIMENTAÇÂO

qual o hotel (é necessário assinar um termo de adesão) destina 2% da

FATUR

Em 2008, a movimentação do setor

alíquota de ISSQN, que no município

Guimarães explica que um dos gran-

ção beneficente. Mais informações

é de 5%. O prefeito sancionou a Lei

no www.visitecampinas.com.br.

O CRCVB também acredita na par-

uma parte revertida a uma institui

CRCVB investe em informação O Campinas e Região Convention & Visitors Bureau está com um novo

cada uma das cidades que integram o CRCVB; e roteiros de gastronomia,

GUIA Outra importante ferramenta de divul gação do destino é o Guia Oficial Cam

portal na internet (foto). O site tem a

cultura, vida noturna e inúmeros cir

proposta de se tornar uma ferramenta

cuitos turísticos.

de uso constante tanto dos visitantes como dos organizadores de eventos.

Já os organizadores de eventos, po derão conferir a estrutura disponível

No endereço www.visitecampinas.

para a recepção de pequenos, médios

com.br é possível encontrar informa ções sobre o que oferecem as cida

e grandes eventos nacionais e intema-

cação é a programação diversificada do que a região oferecerá para moradores

cionals. Conhecer os espaços disponí veis, prestadores de serviços e equipa

e visitantes.O guia também passa a ser tematizadode acordo com os principais

mentos. O CRCVB pretende com o site contribuir ainda mais para o fomento da atividade na região.

eventos da região. Decoração será o

des que integram a entidade. Há op ções de serviços, com notícias sobre a região e o segmento turistico com

atualização constante;

resumo de

uenos

pinas e R^lão, que terá sua segunda edição lançada em breve. A principal novidade em relação à primeira publi

U -

tema do trimestre,com enfoque na Casa Cor Campinas e na Campinas Decor.

li

M

»

16

a

n

n

to

HU* • M„.

direto para SydnSV \ «««•


JORNAL PANROTAS

DESTINOS

Crise reduz custo de

n

MARIA IZABELREIGAD/>

Especial paraoJornal PANROTAS Florianópolis

/» » *

viagens ao Reino Unido Segundo o CEO do Visit Britain, valores chegam a ser 40% menores que há um ano LONDRES É PORTA DE ENTRADA, SEGUNDO GERENTE DO VISIT BRITAIN

Tierffi^os os efeitosda crise eco nômica são negativos. A pesquisa de mercado que o Visit Britainrealizaen tre seus visitantes estrangeiros mos

OCEO 00 VISIT BRITAIN, CHRISTOPHER RODRIGUES, EOGERENTE PARA AMÉRICA LATINA. ROBIN JOHNSON

tra que compras, visitas a patrimô nios históricos e atividades culturais - nessa ordem - são os "atrativos"

Leasing Europa CITROÈN TT

mais procurados pelos brasileiros

que visitam o Reino (Jnido. Para eles, o CEO da entidade de promoção do turismo britânico, Christopher Rodri

Inovando para vocêlll Comprando 17 dias

gues, tem boas notícias: o país está até 40% mais barato, por conta da crise. "Para os brasileiros, a viagem sai até 40% mais barata do que há

um ano, graças à reduçãodas tarifas da hotelaria e à desvalorização da libra esterlina", disse, em entrevista exclusiva ao Jornal PANROTAS, du rante visita ao Brasil para participar da conferência do WTTC (leia maté

ria nas páginas 15 a 18).

FESTIVAIS

Os preços mais atraentes, segundo Rodrigues, estão também nas re feições, tanto em pubs quanto em restaurantes. "E temos uma série de atividades culturais gratuitas, de mu seus a festivais", acrescenta. Desde o mês passado no Brasil, o novo ge

rente para América Latina do Visit Britain, Robin Johnson, lembra que novos festivais entraram no calendá rio de Londres e outras cidades bri

tânicas, por conta da conquista dos Jogos Olímpicos de 2012. O execu-

Promoção véllda

tivo, que vê uma boa oferta de desti nos britânicos entre os catálogos dos

absolutos - foram 179 mil brasileiros

que procura quando viaja à Europa,

no país no ano passado -, mas sim

mas também um destino moderno,

até 31/05/2009

TT Operadora

operadores brasileiros, deverá traba

pelo crescimento de 36% em relação

contemporâneo", diz Rodrigues, ani

© Lufthansa

lhar ainda mais na diversificação do destino. "Londres é a porta de en trada, mas é preciso que o brasileiro saiba tudo o que há nos arredores ou

a 2007. "O que queremos é que o brasileirosaiba que ele encontra tudo

mado com a expectativa de cresci mento no número de brasileiros já no

City Center

no Reino Unido: a história e cultura

próximo verão europeu.

oitroèr

0800 11 53 03

que pode ser acessado em voos de 40 minutos", conta.

O CEO do Visit Britain ressaltou a

importância do mercado brasileiro, não tão justificada pelos números

PAIM NOTAS REPRESENTANTE OFICIAL O conjunto de castelos

Na linguagem dos negócios, quer dizer sossego.

Grandes Etapes

Françaises tem agora

uma representação

k,

oficial no Brasil: a

Master Operadora. com matriz em Belo

/!I!'

Horizonte. Mesmo com uma filial em

' '' /. mSW-

São Paulo, a venda

do produto na capital

paulista não será feita pela Master e sim pelas operadoras Nob Hill e

Charles Dornoy, do Grandes Etapes Françaises, e Fernando Dias,da MasterOperadora

Bon Voyage, empresas

que já trabalham com

oproduto eagora são parceiras da operadora mineira na divulgação e

Quem quer sossego quer Avis: nossos carros são novos e nossos preços sao

comercialização dosdezcastelos franceses. Sugeridos para casais e

pequenos grupos, os castelos que compõem oGrandes Etapes Françaises estão distribuídos em diversas regiões da França, como Nice, Paris e

Genêve. Ao todo são 492 apartamentos, sendo 96 suítes. Os interessados em obter mais detalhes sobre os empreendimentos devem entrar em

contato com Felipe Dias. daMaster Operadora, por meio do tel.: (31) 3505-3688 ou pelo e-mail castelosfranceses@masteroperadora.com.br.

Informações e reservas:

de São Paulo: (11) 2155-2847, de outras localidades: 0800 725 2847. wvvw.avis.com.

TMC

AWS

Outra novidade da Master Operadora é o seu ingresso naTMC Brasil,

entidade dirigida por Nelson Spielmann. Fazem parte daassociação também a BTI, Avipan. BBTur, Garison Wagonllt Travei, Kontik e Maringá Turismo.

muito bons, para você viajar com tranqüilidade esem complicações.

_


' 26 de maioa 1« de junhode 2009 JORNAL PANROTAS

Patrícia Thomaz e Viviânne Martins,

EVENTOS

da ABGev, com Elizabeth Wada

e Ricardo Ferreira, do Capítulo

CLÁUDIO SCHAPOCHNIK H

Viajando com

Brasileiro da MP\

Lufthansa

Parceria unifica interesses da MPI e ABGev

Entidades farão um grande evento em outubro com foco na América Latina; organizadores preveem 600 inscritos

^

Leasing na Europa CITROÈN TT

Ç3 17 dias a partir de

€673,C4

17 dias a partir de

a presença de pessoas", enfatizou

€769,-

Sampaio. "O evento é importante para a construção de uma marca",

C5

disse Younes. Ele fez uma retrospec IDuranA semináriosobre Estraté-

la e Plajmamento de Eventos CorsT promovido pelo Capítulo

tiva das mudanças que ocorreram na ünimed Rio desde 2001, com a alteração da logomarca, e afirmou

Didier Scaillet (MPl) e Padraic Gilligan (Ovation Group/MCI) foram os convidados internacionais

que os eventos foram "fundamen

Brasileiro da Meeting Professionals International (tAPl Chapter Brazil) para

tais para o novo posicionamento" da

debater o segmento no cenário atual

empresa. Zottolo foi direto: "evento é um bom negócio e tem de dar 20%

e pós-crise, o presidente do Capítulo Brasileiro da MPl, Ricardo Ferreira, e

17 dias a partir de

€1.012, 30% de Entrada +

5 SEM JUROS

de retorno operacional". Segundo

Excursões na Europa

o executivo, "as matrizes das mul

Saídas para 2009

a vice-presidente da ABGev, Patrícia Thomas, anunciaram um acordo. Ob

tinacionais ainda não colocaram as

Aíemanha Completa

jetivo: as duas entidades vão fazer um

'mãos' na área de Eventos das con tas de marketing".

apartirde

grande evento no segundo semestre em São Paulo. O anúncio ocorreu dia 15 no hotel Sheraton WTC Convention Center, em São Paulo. "Resolve mos unir as forças e, em vez de fazer vários e pequenos eventos durante o ano, vamos realizar um grande even to no segundo semestre", disse Fer

reira. Voltado 100% para o segmento corporativo e de Eventos, o encontro

"será semelhante ao Lactte (realizado anua/mente pela ABGev em parceria com a NBTA), ou seja, terá sessões

educacionais, exposição de produtos e serviços", explicou Patrícia. "Nessa

parceria com a MPl, o Lactte permance e continuará acontecendo no pri meiro semestre e o evento em con junto no segundo semestre." O nome

sentaçãoes do diretor da Ovation

ZOnOLO. YOUNES ESAMPAIO FIZERAM UMA LEITURA BRASILEIRA DO CENÁRIO

Group/MCI, Padraic Gilligan, e do

DEBATE DA CRISE

chio, da Vigilância Sanitária, que fa

Cerca de 200 profissionais partici param do seminário promovido pelo

lou sobre o vírus Influenza A-HINI.

Capítulo Brasileiro da MPl. Houve vá

rias palestras de nomes consagrados do Brasil e do Exterior para refletir

Ele fez uma exposição bem didáti ca. "Trata-se de uma doença nova e faltam dados mais detalhados: no entanto, a doença se transmite por

sobre o momento atual e como deve ser o cenário quando a crise passar. Na abertura, a diretora executiva da

contaminadas; e não há evidências

MPl no Brasil, Elizabeth Wada, disse

por Ingestão de carne de porco."

gotículas (de espirro ou tosse) e quando a pessoa toca em superfícies

que a entidade tem crescido no País

e divulgou os dois websites da or

vice-presidente de Operações Glo

baisda MPl, Didier Scaillet. Segundo Gilligan, a tendência que veio parafi car é a "co-opetition", ou seja, a "co-

De Viena a Atenas 17 dias /15 noites

apartirde

€ 3.945,-

Viena - Budapeste - Praga 09 dias / 07 noites

€ 2.190,-

em nossas excursões

Para ver todas as nossas excursões basta acessar:

nos eventos", justificou.

capital paulista.

Na avaliação de Ferreira, a grade de

De acordocom Ferreira, a expectati

brasileiro (www.mpibr.org), e o inter

va é receber 600 profissionais. "Esse

nacional (www.mpiweb.org). Nesse último endereço, ela destacou, "vo cês encontram muita informação e material. E interessante para se bali

Paulo Zottolo, e o gerente de Marca da CJnimed Rio, Stephan Younes.

maior presença de executivos de

bastante conteúdo e criar um grande marketplace. Esperamos que seja o

zar sobre o que acontece lá fora e ver as boas práticas".

"Os eventos têm um grande futuro, pois são plataformas interdiscipli-

A primeira apresentação do seminá

outros Estados e, sobretudo, uma repetição de pessoas também, ou

início de uma grande série."

nares e, mesmo com as facilidades

rio foi de Francisco Vanin Pascalic-

seja, os profissionais estão nos pres

da Internet, não se pode descartar

tigiando."

países da região. Queremos levar

€ 3.125,-

Scaillet, da MPl, disse que o segmen

executivo da Associação Brasileira

da Maior - agência do Grupo ABC,

apartirde

to precisa conhecer o periil da gera ção Y- as pessoas nascidas a partir

Logo após se apresentaram, para dar

na, e esperamos cerca de 460 parti cipantes do Brasil e 140 dos demais

Europa Oriental 16 dias /14 noites

10% de Desconto

a visão de Brasil, o vice-presidente de Anunciantes (Aba), Rafael Sam

€ 2.180,-

apartirde

ganização. "Hoje temos mais de 60

paio, o ex-presidente da BDF Nívea e Philips do Brasil e atualmente CEO

apartirde

concorrência": a necessidade maior

da década de 1970. "Precisamos co

VISAO BRASILEIRA

09 dias / 07 noites

de cooperar com os concorrentes como, por exemplo, um grupo de hotéis de um determinado destino.

sócios e crescemos a cada dia", afir mou Elizabeth. Ela promoveu os dois sites - um em português, do capítulo

evento terá o foco na América Lati

€ 2.849,-

Aiemanha Romântica

INTERNACIONAL Após o coffee break, na perspectiva internacional, ocorreram as apre-

nhecê-los, pois, cada vez mais, eles estão nos comandos das empresas e

ainda não foi definido, mas já tem data e local: será em 1° de outubro, no hotel Grand Hyatt São Paulo, na

15 dias /13 noites

palestras agradou ao público e troxe informações que podem ser usadas

pelos profissionais nas empresas. Ele elogiou a qualidade do público. "Constatei que há uma renovação,

www.LufthansaCC,com * Os preços ac.n,.i s..>. Nàü im -US

•••.•,

en .im, ;•

.

Feiras na Alemanh

s

Newcast (23 a 25/06/2009)

a partir de

€1.598-

Salão do Automóvel (17 a 27/09/2009)

a partir de

€ 1.625-

IBA {03 a 09/10/2009)

a partir de

€ 1.789-

Anuga (10 a 14/10/2009) a partir de € 1.589Medica (18 a 21/11/2009)

k

Márcia SíiinotSiJto

(MPl) e Fi;incií>(;o

T

Vaiiin Pas(;,'il(f;cliin

(Vigiíànciu Saiiitáiia)

c.Variessíi Sposito

I

(Nec) (; Mnirii

a partir de

€ 1.589-

Cor>sulte-nos sobre outras Feiras na Alemanha

Shangai Guangzhou Beijing Consulte-nos sobre Feiras na China

Í

Idi^

TT Operadora

("J Lufthansa City Center

I

TOLL FREE 0800 11 53 03 f-ííi;! f5nfoo<lo Ííiunfo fjO? - Loja 14 jAGO? ÜO? Sno Paulo rol (11) 5094 9494

(AíUicv) ciilii: 0';l<;ii Kodof (Mohility)

líirvíi Kíilil « Aimce f ist;[i fAt;i

lo-;'/ Kíirnbnlat) (Shninlnn WTC) c. Siiiidro C;ino (Flyloi

SP

!t(jI»;ra(lorfj(filüffhansacc com br A/ww i iifthnnsaCC com


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

EVENTOS

Muito otimismo e poucas

Imaria izabel reigada Florianópolis (SC)

Especial paraoJornal PANROTAS

conclusões na 9- Conferência do WTTC Presidente Lula afirma

que o Governo Federal está ávido por recuperar Sensatmol!

o tempo perdido, quando o turismo não era prioridade

leio ao cenário marcado

sla crise econômica internacional

Bjuízos imediatos da gri

pe A (HlMl) sobre o turismo, a 9® Conferência Global do Worid Travei & Tourism Council (WTTC), realiza

-CLAUDE BAUMGARTEN FALA SOBRE TRABALHD EM CONVENCER SETOR PÚBLICO DA IMPORTÂNCIA 00 TURISMO

O PRESIDENTE LULA DISCURSA

da na semana passada (14 a 16/5) em Florianópolis, deixou mais men

sagens positivas que conclusões objetivas. "Falamos muito em voltar

da vtdfl

aQora sob v\A^ída.

aos tempos pré-crise, sem lembrar

que já vivíamos uma crise então. Na verdade, deveríamos discutir como

vamos nos preparar para o amanhã, e não como voltar para ontem", dis se o secretário-geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Taleb

O

H

A

Rifai.

Para o Brasil, no entanto, a realiza

•^«if

ção do evento não poderia ter saldo mais positivo, segundo a presidente da Embratur, Jeanine Pires. "Trata-

Feruas dtJulho lA-a costn plosauupe.

se de um marco interno para o Bra

sil, para nosso trade turístico, por que traz autoconfiança para o setor,

graças a este compartilhamento de desafios e busca de soluções", acre

DCEO DO WTTC, JEAN-CLAUDE BAUMGARTEN. EOGOVERNADOR DE SANTA

CATARINA, LUIZ HENRIQUE DA SILVEIRA. COMEMORAM AREALIZAÇÃO DO EVENTO

vtiAMa passar coyvi ^ua fttndiía m Costa do SflwLpe c,ravuit HctóL AU\n^ dttoda a cdvírsflo (^u£ vo&é só

Costa do sawLpí, tnííkvujs n-protwx^o 'so^ meuitíA'. voU escoLhí ev\^e as 5 íTp^õfis fíbaÍKO, ac[iit maoLs as, v^u^ldades. da ^ua -fflnúUa.

dita. Prestigiada com a presença do presidente da República, Luiz Inácio

teiras, mas em 500 anos de história,

disse, ao comentar a necessidade de

Lula da Silva, a conferência mostrou

a primeira ponte entre o Brasil e a

que o turismo é prioritário para o Brasil, como deixaram claro o pró

Bolívia foi feita agora. A primeira

se inserir voos entre as cidades bra sileiras de tamanho mediano. "Va

ponte entre o Brasil e o Peru,em As

mos recuperar a aviação regional e

prio presidente Lula e o governador

sis Brasil, no Acre, também", disse.

restabelecer os voos entre a América

de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira. "Este evento é o 'Davos' do

"Muito se fala em turismo, mas ago

do Sul", disse.

ra é que a infraestrutura começou a

Segundo o ministro do Turismo, Luiz

tiescoiAto dt isfo M preço totflL do pacote

turismo mundial", comparou Silvei ra, referindo-se à cidade suíça que

ser feita", completou, destacando a necessidade de apostar nos países

Barretto, é o Ministério da Defesa

dt Viospec<a0ei^.

que está a cargo de um plano para

recebe anualmente o Fórum Econô mico Mundial.

vizinhos. "Todo mundo gostaria de receber apenas turistas ricos, mas

precisamos levar em conta que a

nistro Nelson Jobim tem recebido relatórios do Ministério do Turismo e,

TEMPO PERDIDO

maioria do mundo não é rica. Mesmo

junto á Infraero e à Anac, está dese

No discurso presidencial. Lula desta cou a criação do Ministério do Turis

quem pode viajar, sabe o orçamento

nhando esse projeto de fomento da aviação regional", disse, destacando que a região Nordeste deverá ser a

pifííA^ Suíte

que tem."

políticas para o setor. "Não tratamos

AVIAÇÃO REGIONAL

mais beneficiada na primeira etapa

dt cada dlá/ia.

o turismo como tema de campanha

Para o presidente, a concorrência

do programa, sem data para apre

eleitoral, mas como um setor capaz

aérea é fundamental no desenvol

o lióspecte do Costa do sautpe <^raMÍt Hotel tem café da

de atrair investimentos. Este gover

vimento do turismo brasileiro e, se

sentação. "Colocamos como deter minação governamental a criação

no vê o turismo como um gerador de

gundo disse na abertura, subsidios poderão ser fornecidos pelo Governo

de mecanismos que nos permitam

htv^fiúo, recebe um up0rade para pet^fio completa.*

mo e a ênfase dada na elaboração de

emprego, renda e desenvolvimento cultural e econômico", disse. "Possi velmente tenhamos o maior potencial

turistico entre os países do mundo e estamos ávidos por recuperar o tem

po perdido, quando o setor não era uma prioridade." Para o presidente, o evento é o primeiro de uma série que

Federal para fomentar a aviação re

gional, tanto doméstica quanto com paises da América do Sul. "Estamos dispostos a participar até subsidian do algumas linhas que no começo

sejam deficitárias, mas que depois certamente serão muito lucrativas",

3^

Frtt

it^cLutsiío dt Wtals wkK

dt e\uaíc[uer uiade

a^artawLti/ito, sekvt custo adlcíot^l.

íSfo OFF

PLíí^U)

estimular a aviação regional. "O mi

CDiA/i.prfi wkK apartam.evvto trípLo t o^av^Mt kvtaU ava^awLtv\Jto, corw. a possíbí-Lt^acíe dt ac.oyv.odar

mn

3 adultos e 2 críat^as., 3 adultos, 11 crlaviça ou 2. adultos e 3 cnfíyiças,.

st ohóspepie c[uístr aívuÁa mais conforto, pode escolher esta opçfio e receber

dt descovvto

valor

Met-íí peiA-sâo Xpêia^são coi^pletfl ejavvtar ívu:.luídD m pacote. SscDÍ\atyuio este

transitar regionalmente", acrescen tou Lula. "O que eu posso oferecer a vocês é um país com poder aquisiti vo e condições para que as pessoas

viajem. Essa é uma responsabilidade da qual o governo não abre mão." continua na página 16

o Brasil deve realizar nos próximos

oito anos. "Já conquistamos a Copa

ARGENTINA

do Mundo de 2014, não apenas para

Somente

o Brasil, mas para a América Lati

na. Agora estamos na disputa pelas Olimpíadas de 2016", lembrou.

P L UR ALIS

O discurso tratou ainda dos investi

TRAVEL

mentos que precisam ser realizados

para assegurar o desenvolvimento do turismo nacional, sem deixar de

mencionar o que já vem sendo feito. "Temos 15 mil quilômetros de fron-

OROU?

P^''^ profissionais de turismo

w\vw.pluralís.coiii.ar

A ocperíí <\U( vpcít&ycen. e&y.ra voct.

Para Informações e reservas, consulte seu agente de viagem ou nosM

Centralde Reservas: (71) 2104-8080. re$ervas@costadosauípe.com.br www.costadosauipe.com.br

Promoção válida para check-in entre 05/07 a31/07/2009. Válido apenas para hospedagens de, no mínimo, 7 noites. Benefícios nâo cumulativos. Ohóspede pode optar porapenas um dos benefídosacima. "Oregime de pensãocompietainclui caféda manha,almoço e

jantar. Promoção sujeita aalterações sem aviso prévio. Demais informações econdições, consulte seuagentede viagens ou nossa Central de Reservas.


26 de maio a 1- de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

•••[

continuação da página 15

Barretto: "não há soluções mágicas"

COSTÃO DD SANTINHO EXCLUSIVO PARA WnC Com

Na abertura do evento, o CEO do WTTC, Jean-Claude Baumgarten, justificou a escolha do Brasil como sede da

ocupação

de

80% durante os três

conferência da entidade destacando que o país "caminha

dias de realização da

adiante" no que diz respeito ao turismo. "Nossa associação, nos últimos 20 anos, tenta convencer o poder público da importância do setor de viagens e turismo e percebemos

conferência do WTTC, o Costão do Santinho

que aqui no Brasil esse esforço não é necessário", disse.

com exclusividade pa

Resort foi

reservado

voltando-se para o presidente Lula.

ra o evento. Além de

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, destacou os planos

ocupar os apartamen

de investimentos de sua pasta para a Copa do Mundo de

tos do resort, a con

2014 no discurso de abertura da conferência, bem como os

ferência Inaugurou o Espaço Tuguá, que

efeitos da crise no País. "A conjuntura atual pede cautela e sabemos que as projeções para 2009 não são as mais

na

favoráveis. Não há soluções mágicas, o que torna o debate ainda mais importante", disse, ressaltando que o turismo

foi também apresen

semana

passada

ocupa a primeira posição na pauta de exportações do setor

diretor comercial do

tado ao trade. Para o

de serviços na economia brasileira e a quinta colocação na pauta geral. "O Brasil reúne quase 100 milhões de

OMINISTRO DO TURISMO, LUIZ BARRETTO. DESTACOU

resort, Rubens Régis, o evento pode ser um

consumidores de turismo, o que explica o bom resultado

INVESTIMENTOS PARA COPA 00 MUNDO DE 2014

marco para Florianó

RUBENS RÉGIS. DIRETOR COMERCIAL DO RESORT

do setor no País, mesmo diante da crise", justificou, ao citar

polis, no futuro, mas os ganhos para o resort já aconteceram. "Além

dados como o crescimento de 5% no número de visitantes na Bahia no último carnaval.

de inaugurarmos o novo centro de convenções, para até 1,5 mil pes

Foi o governador de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira, o autor do discurso mais emocionado da

soas em jantares ou 2,6 mil em formato auditório, fizemos melhorias em vários apartamentos", conta. Segundo ele. os investimentos rea

abertura do encontro. Ele apresentou números sobre o Estado, destacando o índice de Desenvolvimento

Humano de sua população. "Florianópolis tem os melhores indicadores em qualidade de vida entre as capitais brasileiras. No Estado, a criminalidade compara-se às taxas da Bélgica", disse, e citou ainda o slogan da

lizados no resort, de 17 anos, chegaram a R$ 9 milhões, sendo R$ 6

campanha presidencial de Barack Obama, "sim. nós podemos", para dizer que o Brasil pode "fazer doturismo

milhões na recuperação dos apartamentos, ainda não concluída. "Até o final do ano, todos estarão renovados. Hoje temos pouco menos de

sua alavanca de mudança".

50% deles em dia."

WTTC leva mensagens positivas a cenário de crise Conferência da entidade debateu durante dois dias os prejuízos do

síí.í-.

setor mas manteve otimismo nas conclusões do encontro

tenha prevalecido a men3em otimista do WTTC ao final do 9^ Conferência Global

sobre Turismo e Viagens foi marcada

Painéis reuniram principais lideranças do setor

por discussões em torno de temas

nada animadores, como a gripe A (HlNl) e a crise econômica, os dois assuntos mais recorrentes também

pelos corredores do evento, que teve ainda a entrega dos prêmios Tourism

for Tomorrow nas categorias Gover nança de Destino (Grupo Puntacana,

da República Dominicana). Conser vação (NatureAir, da Costa Rica), Benefício Comunitário (Zakoura Foundation for Micro Credits, do

Nodebate "Parcerias Reais", Jeanine Pires

e o ministro de Turismo de Botsuana, Onkokame Mokaila

Marrocos) e Negócio Global de Tu rismo (Marriott International). Entre os três concorrentes em cada cate

goria não houve nenhuma empresa ou Instituição brasileira neste ano.

Mas os brasileiros fizeram-se pre sentes nas rodas de debates, com

destaque para a presidente da Em-

bratur, Jeanine Pires, que participou do painel sobre "Parcerias Reais", no último dia do encontro. O Conselho

Nacional do Turismo foi o exemplo utilizado na palestra da presidente da Embratur, que destacou a necessida de de entrosamento entre os setores

público e privado. "No Conselho, criado pelo Ministério do Turismo, reunimos 64 entidades públicas e privadas que discutem as políticas do setor, com o grande objetivo de

descentralizar essas políticas, algo fundamental em um país com as di mensões do Brasil", disse.

LIDERANÇAS Jeanine listou também a criação do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo

(Fornatur) como exemplo de parce ria de sucesso, mas ressaltou que a liderança é fundamental para o êxito de qualquer acordo. "Nem sempre o setor público pode dar as respostas

Festa de abertura teve show de Gilberto Gil e presença do catarinense Gustavo Kuerten. na foto. ao lado do chairman do WTTC, Geoffrey Kent isso é importante que haja lideran

para encontrar bons parceiros." O

ças nessas parcerias." Para ela, um

mesmo debate contou ainda com o

propósito em comum e resultados

ministro de Turismo, Meio Ambien

objetivos e mensuráveis completam os fundamentos de parcerias de su

te e Vida Selvagem de Botsuana, Onkikame Mokaila. Segundo ele,

Osecretário-geral da GMT.

o turismo é o segundo produto na

Taleb Rifai, em painel

cesso.

No mesmo debate, o presidente de honra da Accor América Latina. Flrmin Antonio, ressaltou que vê parcei ros em todas as etapas dos negócios e da vida. "Se você tem um bom ne

formação do PIB nacional, atrás dos

"Economizando Energias",

diamantes. "No meu caso. a junção

tema central da conferência

dos ministérios de Turismo e Meio

Ambiente permite maior agilidade ao tomar decisões e garante que o

que o setor privado exige, não tra

gócio, se tem bons produtos ou boas

balhamos na mesma velocidade, por

turismo seja o primeiro setor a ser

idéias, você não vai ter dificuldades

estimulado", afirmou.


26 de maio a 1« de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

Gripe entra na pauta da conferência

Jean-Claude Baumgarten

pediu cautela

Saiu do encontro a decisão de que

representantes do WTTC e da Orga nização Mundial do Turismo (OMT) viajarão juntos ao México para incen tivar viagens ao destino nnais afeta do pela gripe A. O primeiro debate

gerada pela SARS {a gripe aviária) resultou em perdasdiretas de ÜS$ 15 bilhões.

turismo, criada dentro

da organização há três anos. Segundo ele, a

O CEO do WTTC, Jean-Claude Bau-

rede trabalhou durante

mgarten, pediu cautela com os nú

o último mês indican

meros e termos utilizados, uma vez

do que "não há restri ções para viagens pelo

OMT para as Américas,

disse que o próprio WTTC acaba por manter o tema

em

da conferência tratou desse tema,

que ainda não se pode falar de pan

incluído já depois de fechada a pro

gramação. O presidente da Oxford

demia. "Muito pelo contrário, o que vemos neste momento é uma redu

Todos os participantes

Economics, John Walker, apresentou

ção de casos da gripe, especialmen

dados de uma pesquisa que mostra

te os fatais", disse. "A comunidade

do debate, que inclui também o presidente

que os prejuízos com uma pande-

científica não está de acordo com a

da AlG Travei Assist,

utilização do termo pandemia, então estamos errados ao usá-lo, crian

Jeff Rutledge, concor daram ao apontar a mí

do um medo que só prejudica todo

dia em geral como responsável pelo

o

terror criado em torno do tema. Para ele. há excesso de sensacionalismo e

mia da doença poderiam chegar a

ÜS$ 2,2 bilhões para a economia do turismo, até o próximo ano. "CJma pandemia compromete seriamente o setor de viagens nos próximos seis

mundo." Também presente ao

fazendo exatamente o que

acusamos a imprensa de realizar", disse.

continua na página 18

••

conferência. Entre os espectadores,

o presidente da Federação Nacional

meses, com perdas de mais deÜS$ 1

Geoffrey Upman, falou sobre a rede

repercussão no assunto, quefoi abor

de respostas emergenciais para o

dado durante duas horas dentro da

que ocupa assento no conselho da

bilhão", disse, lembrando que a crise

NÚM3ROS

"Passamos

tindo algo que já passou,

mundo", disse.

de Hotéis, Restaurantes, Bares e Si milares (FNHRBS), Morton Lenhart,

evento, o secretário adjunto da OMT,

pauta.

quase duas horas discu

LufthansaCC.com HOTÉIS ON-LINE

ondegrandes filmes

GANHAM VIDA

ESPECIAL 9® CONFERENCIA DO WTTC

*//j f// -

72 " é a posição do Brasil no ranking da loca de realização

-

ê

de eventos internacionais, com 254 eventos

800 empresários participaram da 9^ Conferência do WTTC, em Florianópolis

12" posição éocupada por São Paulo no mesmo ranking,

mas na categoria de cidades que mais recebem eventos no

jÍIVERSAL

mundo

7.475 eventos internacionais em 2008 foram contabiliza dos pela Icca; em 2007, foram 6.681

8% foi aqueda na receita mundial do turismo no primeiro quadrimestre do ano, em relação a 2008, segundo a OMT

Com dois fantásticos parques temáticos, vida noturna non-stop, eentretenimento incrível para todos os membros do família. Universal Orlando^ é onde oespetacular acontece todo dia.

nMlk PARTIR DE US$999 POR PESSOA, COM O 2-PARK

BÔNUS TICKET INCLUÍDO*

30 1^ seria aqueda no PIB do turismo mundial caso a Oxford Economics

São Paulo 11 3124.6444 | Campinas 19 3251.7000 | Ribeirõo Preto • 16 3902.3300 Curitiba • 41 3322.0010 Porto Alegre • 51 3226.5000 | Solvador • 71 3341.2111

K3

em Santa Catarina, o índice é de 12,5%

Brasília • 61 3202.8668 | Belo Horizonte • 31 3275.1355

Para maiores lnfortiia<ões, visite www.universalorlaiido.iom.br poiaO-Undo

mofi BíMMUW.-ÍWI) ((NVíoll Pi«o tiwio t»lwe woiwiied

R$ 9 milhões foram Investidos no centro de

convenções e renovações do Costão do Santinho Resort, que recebeu o WTTC, em Florianópolis

complexo eseus clientes não enfrentarõo as filas normais dos parques com oexclusivo Universal Express*.

Para mais detalhes, ligue agora na MMT Gapnet.

gripe Achegasse ao nível de pandemia, segundo a

6^6% éaparticipação do turismo no PIB da América Latina;

Consulte-nos sobre um upgrode para um hotel no

.?009 DieanWoíiH JnMlion UCIMnaal

and d

s Injori ánie -(Uicran

90udtf> ImPbnsuSiitJa'

iwi!|ií(ioincnhà Mpe^iiel5;ipion)iif 3009 ftwwnWBevamo»®» qwnremlcti?Ita»nodnile«my


26 de maio a 1® de junho de 2009

m JORNAL PANROTAS

I II II 11 continuação da página 17 \

aS' I

254 eventos, Brasil ganha

a crise

posição em ranking da Icca

A gripeA apenas prejudica mais um setor sensivelmente abalado desde o

segundo semestre do ano passado. Embora o Brasil tenha demorado a

sofrer os impactos da crise econô mica, especialmente no turismo, a

Ministro do Turismo

realidade mundial é bastante dife rente. E grave, como mostraram nú

anunciou conquista

merosdo conselheiro em recupera

durante reunião do

ção econômica dos governos Bush e Obama, nos Estados Ünidos, Martin Feldstein. Embora tenha falado sobre o cenário macroeconômico, a

Fornatur, paralelamente à conferência do WTTC

apresentação do economista foi de

longe a mais pessimistaem relação às recuperação mundial que,segun

O Brasli

anhou uma posição no

do ele, vai demorar muito mais do

king d

aises que mais recebem

que tem sido anunciado.

"A produção industrial dos Esta

dos Unidos caiu 12%. Ma Europa, a queda é de 18%, mas, quando olhamos para o Japão, esse ín

dice é de 35%. Está claro que o

T

acionais, realizado pela International Congress & Convention Association (Icca). A novidade foi anunciada pelo ministro do Turismo, LuizBarretto, na 50^ reunião ordinária do Fórum Nacional dos Secretários e

processo de recuperação dessas

Dirigentes Estaduais de Turismo (For

economias será muito lento", disse.

natur). durante a 9^ Conferência do

Odiretor da Reed Alcantara Machado, Eduardo Sanovicz, fez

Em relação às viagens e turismo,

WTTC.

apresentação sobrefeiras de negócios durante a reunião

o economista apontou a recessão

o diretor da Reed Alcantara Machado. Eduardo Sanovicz. ex-presidente da

dificuldade de permanecer aí , agora,

semprego e a desvalorização do

Com 254 eventos realizados no ano passado, o Brasil ocupou a sétima posição, atrás da Itália, com 296, e à

dólar entre as principais causas de

frente do Japão, com 247. "Estamos

Embratur e membro da Icca, também

retração do mercado. "Os Estados

conseguindo não apenas nos manter entre os dez países que mais eventos internacionais recebem, mas aumen tar ano a ano esse número", comemo

comentou o ranking. "O desafio da Je

bratur, os CVBs estaduais e municipais estão de parabéns pelo trabalho que

anine é ainda maior que o meu. Tra balhamos muito para levar o Brasil à primeira divisão dessa disputa, mas a

têm realizado, especialmente o de São

RANKING DOS

Paulo, com seus 75 eventos registra

LÍDERES EM EVENTOS

e o conseqüente aumento do de

ünidos são um os principais merca dos emissores de turistas e, com a desvalorização da moeda, é natural que viajem menos para o Exterior", apontou. Para ele, avanços tecnoló gicos e a instabilidade no preço do

petróleo também devem prejudicar o setor. "Viajei 22 horas em aviões para chegar aqui e falar durante 45

minutos para vocês. Acredito que cada vez mais usaremos videocon

dades com o maior número de even

1 - Estados Unidos - 507

tos internacionais. Segundo o estudo, São Paulo passou da 23® posição em 2007 para a 12® no ano passado. "A conquista de São Paulo é especial, mas é importante destacar que há

3 - Espanha - 347 4 - França - 334

75 eventos internacionais catalogados pela Icca no ano passado. A segunda

a

recuperação

econômica

BRICs {Brasil, Rússia, índia e Chi na) serão os primeiros a vive-la. O

tema foi abordadotambém no pai nel "Transformando Economias",

dos no ano passado."

NIIMNBANCO DE DADOS

INTERNACIONAIS:

BRICS para

é dela", disse Sanovicz. "Além da Em

O mesmo ranking lista também as ci

ferências e outros meios de comu nicação eletrônicos", defendeu.

mundial, Feldstein acredita que os

e a presidente do Fornatur, Nilde Brun

rou o ministro.

42 cidades brasileiras listadas entre os destinos que mais recebem even tos", completou. São Paulo realizou

Embora defenda o longo prazo

Jeanine Pires, da Embratur, oministro Luiz Barretto,

2 - Alemanha - 402

5 - Grã-Bretanha - 322 6 - Itália - 296 7 - Brasil - 254

8 - Japão - 247 9-Canadá-231

cidade brasileira mais bem colocada no ranking é o Rio de Janeiro, na 36^

posição, com 41 eventos. Empatadas com 13 eventos internacionais, em

120® lugar, aparecem Foz do Iguaçu, Porto Alegre e Salvador.

10-Holanda-227 Fonte: Icca

Areunião ocorreu no dia do aniversário do ministro Luiz Barretto, que ganhou comemoração" Na foto, celebra entre os secretários de Turismo de Goiás, Barbosa Neto, edo Piauí, Silvio Leite

O Jornal PANROTAS uiajou a convite do WTTC

onde os palestrantes defenderam

não apenas que a recuperação co meçará pelos BRICs, mas que se

dará também por meio das viagens

EMBRATUR Para a presidente da Embratur, Jeanine Pires, a conquista é ainda mais

nilde éírun preside primeira reunião

e turismo. John Walker, da Oxford

representativa

quando se observa

A secretária de Turismo do Mato Grosso do Sul, Nilde

Economics, defendeu o "potencial do setorem propagar impactos po

que 83% dos eventos internacionais

Brun. parücipou em Florianópolis de sua primeira

sitivos a outras atividades econômi

realizados são europeus, por conta da sede das empresas e instituições.

cas" e sugeriu incentivos governa

"Isso torna ainda maior o nosso esfor

mentais para estimular o turismo.

ço em colocar o Brasil, pelo terceiro ano seguido, entre os dez países que mais eventos internacionais realizam",

No seminário "Removendo Bar

reiras", que teve a participação do presidente da Tap, Fernando Pinto,

disse. "Os Estados e municípios que

e do vice-presidente da rede Sol

receberão jogos da Copa do Mundo

Meliá, Sebastián Escarrer, os incen

de 2014 devem usar esse dado para

tivos públicos também entraram em

reunião como presidente doFornatur. Entre asmudanças que levou ao encontroesteve a priorização de assuntos para exposição no evento, em lugar da tradicional ordem alfabética de pronunciamento dos secretários estaduais. Apenas três secretários manifestaram-se. Do

Piauí, Silvio Leite pediu atenção á malha aérea regional. "Não adianta construirmos pistas em nossos estados se não teremos voos das empresas aéreas para esses destinos", disse.

pauta. "Não estamos pedindo ajuda |

mostrar nossa expertise na realização de eventos. O Brasil teve um evento

do governo. Na verdade, queremos |

internacional a cada um dia e meio, se

à presidência da República solicitando a inclusão do

um apoio pelo qual pagamos. So mos nós quem pagamos cada investimento, é do setor privado

fizermos as contas", comemorou. A presidente da Embratur destacou

inistério do Turismo no Conselho do Condefat. "O

O secretário de Goiás. Barbosa Neto, pediu o encaminhamento de um documento à Casa Civil e Opresidente da Abav Nacional, Carlos

Ferreira, eopresidente da Tap. Fernando Pinto, com Nilde Brun

tendimento de que oturismo é uma atividade econômica passa por isso", argumentou. Osecretário de Santa

tíCatanna, Qilma Knasaei, foi oúltimo dirigente afalar, antes da apresentação dos MTur, eressaltou aimportância de roteiros integrados, mostrando trabalho que vem sendo feito entre as serras gaúcha ecatarinense, na região de

Cuba uma solução para o desen volvimento do setor. "O embargo a

ainda a força desse mercado, que so mou 7.475 eventos em 2008, contra 6.681 no ano anterior. Segundo a Icca, o crescimento ocorreu não ape nas pela evolução natural do segmen

Cuba é um anacronismo. O turismo

to, mas também pelo número recor

serviu para abrir a Espanha há 50

de de associados apresentando seus calendários para a contabilização dos eventos. FVesente à reunião para apre sentar palestra sobre a importância das feiras de negócios para o turismo.

da Feira das Américas. "Aproveito apresença do presidente da Abav para anunciar que aReed Alcantara Machado sera aresponsável pela comercialização da Feira das Américas já apartir desta edição", disse. Ovice-presidente da

que sai o dinheiro", disse Pinto. O

vice-presidente da Sol Meliá vê em

anos, depois da ditadurafranquista,

é hora de que o mesmo aconteça em Cuba", comparou.

Aparados da Serra. "O trabalho será apresentado no Salão do Turismo, em São Paulo", disse. Areunião teve ainda apalestra de Eduardo Sanovicz, da Reed Alcantara Machado, sobre feiras de negócios. Odiretor

da empresa anunciou oficialmente aos secretários, ainda, aparceria com aAbav Nacional, para acomercialização

Abeta, Daniel Spinelli, mostrou aos secretários alguns dos avanços do programa Aventura Segura, desenvolvido pela

associaçao de turismo de aventura em parceria com oMTur eoSebrae. Apróxima reunião do Fornatur ocorre em

Vitona, no proximo dia 21. Em julho, ofórum reúne-se em São Paulo, durante oSalão do Turismo, dia 2.


JORNAL PANROTAS

FRASES

lio que eu posso

WPassamos quase duas

ESPECIAL gfi CONFERÊNCIA DO WTTC

oferecera vocês é um

horas discutindo algo

realidade orçamentária

Ma continuidade da política pública que

Pelo menos R$ 250

executamos hoje será

milhões adicionais

perpetuada pela

deveremos ter em

Fecitur, que é a

projetos e emendeis

instituição que dará continuidade,

parlamentares

país com renda média que permita o turismo,

11 Tivemos êxito

com condições para as

não abremãoW

de reunir as pessoas aqui Agora vamos colocarem prática os ensinamentos que levamos desta conferência. A realização

Luiz Inácio Lula da Silva,

do evento é um marco

nos prõximos

presidente doBrasil, naabertura doevento

interno para o Brasil, para nosso trade turístico,

anos, à política de regionalização do

porque trazautoconfiança

turismo em Minas

II Ho/e ninguém pensa

para o setor, graças a

Gerais11

em crescer, pensa

este compartilhamento de desafios e busca de

Paulo Nogueira Batista Jr,

apenas em aumentar

pessoas uiajarem. Essa é uma responsabilidade da qual este governo

11 Quero deixarmanifesto meu apreço pelo seu presidente. Espero que mais países tenham

presidentes como esse 11 Jean-Claude Baumgarten. CEO do WTTC, referindo-seao presidente

Lula, no encerramento da conferência

nesta primeira parte,

soluções 11 Jeanine Pires,

presidenteda Embratur

Mário Moyses, secretário-executivo do Ministério do Turismo, sobre o orçamento da pasta

a eficiência 11

WÊdiftcil, mas estamos

Fernando Pinto,

otimistas em relação à

"Removendo Barreiras"

exatamente o que acusamos a imprensa

de realizarW Norton Lenhar,

após opainel sobre a gripe A, dentro do WTTC

11 Falamos muito em

indiuiduaisW

diretor do FMI

queJá passou, fazendo

voltar aos tempos précrise, sem lembrar que

Já vivíamos uma crise então. Ma verdade, deveríamos discutir como vamos nos preparar para o amanhã, e não como

voltarpara ontem 11 Taleb Rifai,

presidente da Tap. nopainel

secretário-geral da OMT

PAIM NOTAS CADASTRO GRATUITO Em resposta aos

questionamentos da Aviesp, que faz uma campanha para ampliaro númerode seus associados inscritos

ao Cadastur, a coordenação

geral de ServiçosTurísticos, da secretaria nacional de Políticas do Turismo do MTur,

informou que a inscrição passou a ser gratuita."A notícia não poderia ser

melhor, já que assim, acreditamos que aumentará o Interesse dos agentes", diz o

presidente da Aviesp, William Périco. O valor, agora

isento, era de R$ 100. Périco

acredita que como a inscrição é obrigatória segundo a Lei Geral do Turismo, a

gratuidadetornará possívela formalização das empresas

até agora não cadastradas. Mais informações no www.cadastur.turismo.gov.br.

VERBA PARA o

PIAÜÍ

O ministro do Turismo.

Dicas para o Feriado de Corpus Christi; Royal Palm Plaza e cannisa xadrez

Luiz Barretto, formalizou

na semana passada

a liberação de R$ 3,1 milhões para a obra do Aeroporto Internacional

Aproveite oferiado de Corpus Christi para oferecer um fim de semana prolongado e diferente aos seus clientes no Royal Palm Plaza. Além das melhores opções para relaxar e sedivertir, uma programação junina especial vai animar oferiado em família.

de São Raimundo Nonato, em Teresina. Além disso, o ministro discutiu com

Num dêxe di avisá seus cliente!

o governador do Estado, Weilington Dias, o secretário

Festa junina com música aovivo, quermesse e touro mecânico

de Turismo, Silvio Leite, e outros membros do turismo

^ CountryNight

piauiense a liberação de

'

Aulas de forró e dança country

recursos para o centro de convenções de Teresina e

a execução de projetos do Prodetur. Barretto garantiu a

liberação, em até 60

ROYAL PALM PLAZA

dias, dos recursos para conclusão do centro de

convenções, estimados em

Central de reservas: (19) 2117.8002/0800 72769 25 www.royalpalm.com.br

Resort Campinas

R$15,4 milhões.

www.

LufthansaCC.com ALUGUEL DE CARROS

lílWfSffll

Diárias apartirdeR$536,50por pessoa emapartamentoduplo Luxocom pensãocompleta. Mínimo de 4pernoites (entrada

Acrescer S% de ISS +R$ 2,00de taxa de turismo por diária/apartamenta Sinal de 50% esaldo restante +extras no check-out em até 4vezes sem Juros nos cartões Visa.


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

Sauípe muda para torna-se um grande e único resort HOTELARIA

FABÍOLA BEMFEITO fl

Novidades a partir de junho incluem passaporte de lazer

anual e "chave-cartão de débito"

do Sauípe, destino baiano

e permanecerá com seu sistema ali

a cerca de uma hora da

inclusive, ficando fora das novidades anunciadas por Zubaran.

•capital dAvador, vai de fato virar um

grande resort. Ou melhor, um grande complexo temático em plena Bahia. Na verdade, o presidente da Sauípe SA, Alexandre Zubaran, contou que

este é o momento que ele aguardava desde 2004, quando topou o desafio de reposicionar e repensar o produto

de dever cumprido, conta que o pro cesso de reestruturação iniciado por

Outra novidade está relacionada às

ele está próximo de ser concluído e conquistado por completo. "Sinto

muitas áreas de lazer e esportes do complexo baiano, com atrações que

como se eu tivesse trabalhado estes

vão de um campo de golfe a quadras de tênis - que recebem a principal competição do tênis brasileiro, parte

serviço entra em soft-opening tam

do calendário mundial da Associa

julho. "O hóspede poderá consumir em qualquer lugar de Sauípe, sejam compras na vila, refeições não inclu

O executivo, feliz e com a sensação

seis anos para chegar até aqui". Foi nesse clima de celebração e balan

favorável. Muita coisa aconteceu, des

ço que o gestor contou as novidades que mexem com o conceito do pro

mentava-se que Sauípe poderia estar

em qualquer lugar do mundo, tendo em vista o ambiente internacional sem

duto e destino Sauípe de forma bas tante efetiva já a partir do próximo mês. "Os turistas agora vivenciarão um novo padrão de hospedagem no

ção de Tenistas Profissionais (ATP). "Hoje tudo é pago a Ia carte, há um valor para cada vez que se usa o campo de golfe, a tirolesa, e por aí

até melhorar seus resultados para a

complexo, que passa a funcionar de

vai, e Isso retrai o consumo, além de complicar a utilização desse ponto

Previ, dona do complexo, e seus acio

fato como um grande e único desti

forte como um diferencial competiti

nistas. Conquistado isso, era hora de colocar em prática um modelo que

no", explica o executivo.

vo de Sauípe. Agora, uma das maio

atendesse melhor o hóspede.

12 RESTAURANTES E PASSAPORTE DE LAZER

Sul estará, definitivamente, a serviço

É isso que começa de fato a acon tecer agora em 1® de junho, o que só foi possibilitado a partir da rene

Por conta disso, as velhas pulseirinhas coloridas que ganham os pul

gociação da administração dos ho

sos dos hóspedes no check-in para identificar qual é o seu hotel e onde deverão fazer as refeições, serão abolidas e os visitantes poderão, por exemplo, se hospedar em um hotel e comer onde quiserem. O

Para utilizar as opções de lazer no resort, haverá um passaporte único, oferecido aos hóspedes ao custo de

identidade em que estava inserido -,

téis do complexo - que estavam nas

mãos de grandes forças mundiais como Accor e Marriott, e cuja gestão

a Sauípe SA topou o desafio de fazer. A única exceção ainda é o Breezes Costa do Sauípe, que funciona sob o comando da jamaicana Superclubs

ga ao desafio de trazer mais conforto ao hóspede. Não são apenas as pulseirinhas que saem de circulação. Agora, se o visitante

rantes", conta Zubaran, destacan do que a diversidade gastronômica é parte da experiência do turista.

que não usufruía de um desempenho de dar uma cara mais baiana - argu

de, ou seja meia pensão ou pensão completa. "São mais de 12 restau

res estruturas de lazer da América do

da hospedagem", explica Zubaran.

R$ 50 ao ano, que permitirá o uso de todas as instalações. Além disso, só os adultos pagarão, crianças não.

quiser, não precisa carregar dinheiro nem mesmo na Vila Nova da Praia. É que a chave do quarto passa a fun cionar como um cartão de débito. O

bém a partir de 1° de junho para es tar totalmente ajustado nas férias de

Alexandre Zubaran afirma

ter "sonhado com este momento"

que queríamos. Então pegamos um dos hotéis, o maior deles, que tem

a maior piscina, por exemplo, que é o Costa do Sauípe Grande Hotel, e possibilitamos maneiras diferentes de usufruir do complexo agora neste mês de julho", conta.

A novidade foi pensada para os dife rentes tipos de família e suas neces sidades, daí o 'sob medida'. "A famí lia escolhe o mais conveniente para

ídas, massagens nos spas etc, pagar

seu estilo. Se o que atende mais, por

com o cartão-chave com chip que

exemplo, é o desconto para paga mento a vista, uma cortesia para a

tudo cairá na conta de seu quarto", explica Zubaran.

ferenciais e argumentos junto a seus

terceira pessoa ou adquirir pacotes com meia pensão e levar pensão completa, a decisão é dela. Quer comprar triplo e ter dois apartamen tos? Então escolhe esta opção." As novidades, porém, não se res tringem ao complexo baiano in loco. A empresa também abre, muito em breve, sua nova loja de vendas na

clientes. Voltada tanto para o consu

avenida Faria Lima, em São Paulo,

midor quando para o trade, a cam panha entra em vigor esta semana e

e financeiros da cidade.

CAMPANHA o presidente da Sauípe SA também contou que há uma nova campanha para comunicar tudo isso ao merca do e auxiliar o profissional de turis mo a vender o destino com mais di

um dos grandes centros comerciais

traz mais uma novidade, o programa

CHAVE-DÉBITO, PROGRAMA

Costa do Sauípe Sob Medida. "Es

V^a mais na

pagamento vai depender do plano

SOB MEDIDA, NOVA LOJA

tamos muito confortáveis com esse

PANROTAS

de refeição adquirido pelo hóspe

A tecnologia, claro, também se agre

novo modelo que tem a qualidade

www. panrota s .com. br/tv

Dont de vista corporativo TRAVEL MANAGERS GROUP (TMG)

Brasil e Argentina na gestão de viagens

perfil do negócio, região ou gestão em tempos de crise, já há um foco e

terceirização de profissionais experts

cuidado enorme nessa área que toma

papel do travei manager.

a atenção dos líderes em termos de gastos "macro".

De modo geral, as empresas que não contam com filiais ou escritórios

e não existe o hábito e Iniciativa de

serviço, resultando em cobranças de fees simplesmente para "batef a concorrência e "ganhar" a conta/cli^ente, o oposto de uma postura para suportar uma sólida equação custo/

centrais em outros países da América

compartilhar as melhores práticas.

benefício. Isto prejudica o mercadc

aos leitores do Jornal PANROTAS

Já na Argentina, o papel do gestor de viagens não está bem definido, con forme parecer do consultor de viagens corporativas residente em Buenos Ai

como os interesses são comuns

res, Julián Benavento. De acordo com

dentro do nosso desafio diário de

o especialista, há um mixde situações

manter qualidade e bom custo.

O Travei Managers Group (TMG) decidiu apresentar em linhas gerais um cenário comparativo sobre a função do gestor de via gens nos mercados brasileiro e argentino. Resolvemos de forma desprentenslosa elencar alguns

para o desenvolvimento efetivo do

dos principais problemas que o TM enfrenta, é a impossibilidade de se profissionalizar. De acordo com Be navento, não há cursos específicos

Latina lidam com esta necessidade

Além di3so, há ainda como problema

como um todo. Além disso, o espirite

tentando resolver os problemas

Interno nas empresas, o fato de o Tf*^

localmente. Segundo Benavento, de pendendo do local, os "líderes de via

não saber como alcançar sua direto ria para abordar seu valor agregado

de colaboração para resolver conr eficiência os problemas convergen

em que algumas poucas empresas

gens" não encontram Informaçõesde mercado para poder lidar da melhor

contam com travei managers em sua

forma com os problemas. A resposta

como gestor. Assim sendo, o foco, credibilidade e geração de valor para a gestão poderiam ser suportados

passa a ser mais intuitiva/reativa do que proativa,mesmo porque, segundo

e desenvolvidos por profissionais

no Brasil vemos já há algumas

equipe, e quando isso acontece eles se reportam aos gerentes de Compras

ximo em porcentagem, na Argenting as empresas que verdadeiramente suportam uma auditoria open book

externos, auxiliando a articular opor

resumem-se apenas 30%, enquant(

décadas grupos de benchmarking

e relatam suas rotinas para outras

ele, há falta de desenvolvimento

tunidades e sua sustentação.

todas as restantes trabalham corr

regiões. De acordo com Benavento, o problema que existe nestes casos, é que os travei managers de outras

profissional e estratégico por parte da maioria destes profissionais que

No mercado argentino, ao contrário do expressivo mercado brasileiro, não

mente quatro globais e uma reglons

ocupam cargo de gestão de viagens

encontramos mais que vinte TMCs

itens relevantes e demonstrar

Com relação ao papel do travei manager, podemos afirmar que

formais e um número crescente

de empresas brasileiras e/ou mul tinacionais valorizando cada dia

mais esse profissional. E mesmo

que ele acumule outras funções em sua empresa (o que é muito comum no País), por conta do

LEASiNG NA EUROPA 17 dias

(atendimento), enquanto o desenvol vimento dos acordos corporativos e a

^

Lufthansa ciTRoén

0800 11 53 03

rebate. Das TMCs argentinas , so

precificam seus sen/iços com fee.

com especialização em atendimento corporativo entre locais, regionais e globais. Benavento afirma que são muito poucos os que têm alcançado

mente as empresas, independen

um grau de maturidade no seu for

de KPIs (KeyPerformance Indicator

temente do seu porte, contam com

As demais simplesmente tratam o|;

departamentos liderados por travei

mato de gestão. Na Argentina, ainda se faz necessário a busca pela alta

managers.

produtividade, entendimento dos ob

documentos editados e estáticos.

SImone Nogueira

no front, quando a verdadeira função deveria ser front, mid e back. Já no

Brasil, encontramos o gestor atuando de forma multifuncional onde geral

mente o desempenho do gerenciador ou gestor de viagens; de onde se

nas grandes capitais, o valor deste profissional é muito mais reconhe

conclui ser freqüente na Argentina a

cido e atuante. Na Argentina, um

observa o respeito pelo valor do

€169;-

responsabilidadedo departamento de Finanças. Assim, não se vê exclusiva

Para termos um cenário mais pró

Infelizmente não mais que quatro

jetivosde seus clientes (apresentando soluções adequadas com Integração operacional, estratégica e financeira), visão e relações comerciais a longo prazo. O mais crítico é que não se

administração do negócio fica sob a

TTOperadofa City Center

do mercado argentino. Em alguns casos, estes profissionais de outras áreas responsáveis por viagens estão voltados para a parte operacional

a partir de

• Preço por pessoa (Base 4 paxs )

0

regiões não têm conhecimento da problemática e reais necessidades

tes é falado, mas não praticado.

ESPECIALIZAÇÃO Felizmente, no Brasil, principalmente

cincoTMCs contam com ferra

e índices adequados para colocar e prática a execução e

SLAs(Servife Levei Agreement) como *

Membro do Travei Manager Group Colaborou Julián Benavento, coun-

try champlon da Associação Inter nacional Acte (Association Corporate Travei Executives)


LA AGENCIA

fn travei ace Uyi assistance

DE VIAÍES

tHtravelace ^ÍMm âssistance

a sua assistência em viagem

ARf;i iM I i>jaV

a sua assistência em viagem

DESTINOS

Salta tem promoção para temporada de outono Aprovíncia do noroeste da Argentina lançou campanha

para diminuir a sazonalidade o ministro descreveu os atrativos turísticos de Salta, enfatizando as

poderão

Os cupons de descontos estão sen do distribuídos nos escritórios do

lusufruir^Ée descontos em hotéis,

órgão oficial de Turismo de Salta

belas paisagens dos vales Calcha-

excursões, restaurantes e todos os outros equipamentos turísticos

e das empresas participantes da campanha, além de distribuição

quíes e Puna, a gastronomia local

que a província de Salta oferece

em eventos e no site da campanha

pectos particulares da cultura.

de julho, turistas nacioJais

internacionais

- com os famosos vinhos, e os as

NOS VALES DE CALCHAQUÍES

(www.turismosalta.gov.ar/otono).

Vale destacar que o mercado eu

Todas as empresas participantes

ropeu é o maior entre os emisso

uma iniciativa do setor privado

têm um logotipo para identificar a parceria, e a lista das mesmas

60% dos turistas estrangeiros que

que tem como objetivo romper

está no site do ministério.

visitam Salta são provenientes do

durante o outono. O benefício faz

parte da campanha "Promo outo no, mil razões para nos visitar",

com a sazonalidade do turismo na região. Sobre a iniciativa, o ministro de Turismo e Cultura de Salta, Fede-

rlco Posadas, elogiou os esforços das associações por trabalhar em

conjunto e apostar nas iniciativas para superar a crise. Ele lembrou que a proposta é interessante por

promover o destino de manei

PATIOS DE CAFAYATE, RESORT DE LUXO

res internacionais. Entre 55% e

Velho Continente.

AÇÕES COM PORTUGAL Há poucos dias, o ministro Posa

OBRAS DO HOTEL OESIGN

das reuniu-se com o embaixador

Em recente data, Posadas visitou

de Portugal na Argentina, Joaquim

as obras de um hotel localizado na

Ferreira Marques, com o objetivo de ajustar as bases para conso

esquina da avenida Belgrano com a rua Castro, em frente ã praça

lidar um trabalho conjunta entre

Belgrano. Trata-se de um futu

Salta e o país europeu. O minis tro destacou a importância de se

que oferecerá um serviço cinco

ro hotel design, empreendimento

Tanto Posadas como Ferreira Mar

estrelas e que funcionará em um edifício com características di ferenciadas, já que ocupará uma construção de 110 anos (Palácio

ques demonstraram a intenção de

üsandivaras).

realizar cursos de capacitação re

Durante a visita, o ministro con

ferentes à gastronomia em Portu gal. Além disso, se estudou a pos

versou

hospedagem, gastronomia, excur sões regulares, passeios alternati vos e locação de automóveis. Os descontos vão de ÜS$ 15 a ÜS$ 200 no caso das passagens aére

sibilidade de realizar a Semana de

Wainberg e Sérgio Paza, que expli caram quais serão as caracterís

mia da região", concluiu Posadas. O ministro afirmou que o Estado irá acompanhar a conclusão do projeto, que tanto vai aprimorar a oferta turística da província. De acordo com o arquiteto Wainberg, o hotel será inaugurado na primei

ticas do hotel. Posadas destacou

ra quinzena de junho, e contará

pessoas.

que "esta construção demonstra que, apesar da crise mundial, os

com 51 apartamentos: quatro suí tes especiais (localizadas na parte

Acompanharam o ministro na vi

Durante o encontro, Posadas pre

investimentos turísticos em Salta

Turística de Salta, Fernando Gar

as. Também chegam a US$ 100 os

antiga do edifício) e 47 unidades

senteou o embaixador com um

na torre construída próxima ao

vinho saltenho e o convidou a vi

edifício histórico.

jamento do ministério, Ana Cor-

e a ÜS$ 50 nos hotéis de categoria

seguem acontecendo. "Este tipo de empreendimento gera um efei

cia Soria, e a diretora de Plane

descontos nas excursões regulares

sitar a região. Ao mesmo tempo,

to multiplicador em toda a econo-

O Investimento total do projeto

nejo.

duas ou três estrelas.

ra enérgica exatamente na baixa temporada.

Peu^a a campanha foram desen volvidos cupons de descontos de diversos equipamentos turísticos, proporcionando aos visitantes a

oportunidade de obter benefícios no acesso aos serviços de transporte,

efetivar a ação integrada entre os destinos "estreitando vínculos tu

rísticos, comerciais e culturais".

Portugal em Salta, evento que sig nificaria para as autoridades um impulso ao fluxo de turistas portu gueses na província argentina.

com

os

arquitetos

ponsáveis pela obra,

res

Cláudio

SALTA APRESENTA JÓIAS

ARQUITETÔNICAS AOS TURISTAS

é de ÜS$ 9 milhões, sendo parte deste montante dedicado à restau

ração do edifício, que teve todos os seus detalhes arquitetônicos

preservados. O hotel terá ainda spa, piscina, solário, restaurante e centro de convenções para 200

sita, o subsecretário de Promoção

• I

Ertriw

t-LADEVI

•Hi

editur

l>i<

Argentina: Tel.; (5411) 5217-7700 - Fax; (5411) 4325-0694 Chile: Tei.: (562) 244-1111 - Fax: (562) 242-8487 Colombia;Tel.: (571) 635-7468. 702-1997. 702-2031 ÜPuguay: Tel.: (5982) 712-0993

• México: mexico® ladevi.com

• Estados Unidos: usaladevi@tadevi.com

Web site: www.ladevi.travel • www-destinos-travel • www-viajando-cl


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

LufthansaCC.com

DESTINOS

Brasileiros desvendam a Coréia do Sul

PASSES DE TREM

ALEXANDRE CAMPBELL H Coréia do Sul

Especialpara o óom\ PANROTAS

O GRUPO EM FRENTE AO TEMPLO DE DEOKSUGUNG EM SEUL

Princess Travei promove o destino em parceria com a Korea Tourism Organization A operadora Princess Travei e a

Korea Tourism Organization, órgão

^IconiS to Korea ^

de turismo do governo coreano, or ganizaram entre os dias 5 e 16 uma

viagem educacional para um grupo de profissionais do Brasil a fim de apresentar as atrações turísticas da

Coréia do Sul. A intenção principal foi divulgar o destino, que ainda é pouco freqüentado pelos brasilei ros, e comprovar o potencial turís

tico do país.

A Coréia do Sul, embora esteja si

JEFFERSON SANTOS COM ANDREW SHIN. DIRETOR PARA AS

AMÉRICAS EEUROPA DA KOREA TOURISM ORGANIZATION

tuada exatamente entre a China e

o Japão, ainda não conquistou um

da Princess Travei acrescenta que

número razoável de turistas brasilei ros. Segundo o diretor comercial da

muita gente vai à China a trabalho

Princess Travei, Jefferson Santos, atualmente, o país ainda não está

e, quando tem tempo para conhecer

que foi a região de Mamdaemun, em Seul, um Imenso aglomerado de lo jas e barracas que vendem de tudo,

algum lugar por perto, prefere viajar pela própria Chinaou ir até o Japão,

tacaram como diferencial em nosso

país", diz ele sorrindo.

entre os dez destinos mais vendidos

não optando pela Coréia do Sul,

pela operadora no segmento de la

muitas vezes por falta de conheci

zer, mas ocupa uma posição de certa

mento do destino. Portanto, a Idéia, tanto da Princess quanto do governo coreano, é investir em informações para o trade, com propagandas e

relevância em relação às viagens a negócios. "Esperamos aumentar o

o lugar que os brasileiros mais des

MODERNIDADE Na realidade, a Coréia do Sul é um país super moderno e desenvolvi

fluxo de viajantes a lazer para a Co réia. Achamos interessante que os

treinamentos.

turistas que optem pela Ásia para

principalmente de eletrônicos, é real

O diretor para as Américas e Europa

mente um setor de forte apelo turísti

co, já que é lá o berço das empresas Samsung e LQ. Por outro lado, não

suas férias, incluam a Coréia do Sul

da Korea Tourism Organization, An-

em seus roteiros e que o agente sai

drew Shin, afirmou que o Japão é o

ba promover o destino com qualida

maior mercado emissor internacional

de. Sabemos que os números são pequenos ainda, por isso, qualquer aumento para nós é negócio", expli

da Coréia do Sul, seguido da China e dos Estados CJnidos. O Brasil está em

primeiro entre os países da América Latina, tendo atingido a marca de

do, cheio de atrativos. As compras,

se pode esquecer que a cultura é também muito marcante no destino, e que o país está coberto de templos budistas, palácios de dinastias an

inspeção no HOTEL FAIRMONT MIRAMAR

rísm Organization. Ela afirmou, ao

EM LOS ANGELES

Santos e Daniele Mateus de Almeida,

final da viagem, estar positivamen

da Princess Travei, Vera e João Ma

te surpreendida com o progresso e

chado, da Vera Machado Viagens e

a vida na Coréia do Sul. Maria Júlia

Turismo, de Porto Alegre; Maria Júlia Emendorfer, da Cosmos Turismo, de

Emendorfer, da Cosmos Turismo, de Jaraguá do Sul (SC), concorda com Eliane e afirmou que não conhecia

9.844 visitantes em 2008, o que re

PERMANÊNCIA

portante para o mundo oriental e que

nada da Ásia e que voltou para o

presenta um crescimento de 7% em

A estratégia do governo coreano é

deve ser vivenciada com a mesma

Jaraguá do Sul (SC); Luiz Henrique Machado, da Liberdade Operações Turísticas, de Florianópolis; Eliane

relação ao ano anterior. Shin espera

Brasil encantada com o destino. "O

curiosidade que se tem em relação

e Renata Boechat, da Tia Eliane Tu

povo na Coréia do Sul é muito boni

que o destino receba mais de dez mil

aos países vizinhos.

rismo, de Belo Horizonte; Cecilia In-

brasileiros neste ano. "É possível ve rificar, por meio das pesquisas, uma

to, me espantei com a grandeza e a

dolfo, da Diferencial Turismo, de São

OPINIÃO

modernidade das cidades visitadas,

boa aceitação do turista brasileiro com relação ao país. O curioso é

Paulo; e o freelancer e colaborador da Princess, Luiz Takeshi Isonaka.

Eliane Boechat, da Tia Eliane Turis mo, de Belo Horizonte, foi uma das

cou Santos.

começar aumentando o tempo mé

diode permanência do brasileiro que vai a negóciosao país. A média hoje é de 3,1 noites por viagem, e a meta é aumentar para 4,5 noites. O diretor

Como aproveitar as

conexões para a Ásia Ma viagem educacional à Coréia do Sul, o grupo aproveitou a conexão, na viagem de volta ao Brasil, e ficou dois dias em Los Angeles, na Califórnia (EÜA). Os profissionais voaram com a Korean Airiines, que opera três vezes porsemana entreSão Paulo e Los Angeles comextensão paraa Coréia doSul.

Aestada dedois dias nos Estados ünidos aconteceu para que os convidados sentissem o conforto de descansar um pouco durante o trajeto, aproveitando ainda para conhecer um outro destino. "Independente da companhia aérea, essa parada na ida ou na volta, é necessária" explicou o diretor comercial

da Princess Travei, Jefferson Santos. Segundo ele, existem companhias que fazem duas paradas. AAir Canada, por exemplo, tem ainda uma opção de parada emToronto, naida, e em Vancouver, na volta - sem adicional detarifa, bastando respeitar a validade do bilhete.

Praticamente todas as companhias aéreas que voam para a Ásia permitem ao menos uma parada sem cobrança de taxas. Por exemplo, é possível viajar com a Air France parando emParis e voltar com a KLM parando emAmsterdã, o que torna a viagem muito prazerosa. "As melhores opções para a Ásia são

Lufthansa e Air France, via Europa; Korean e ünited, via Estados ünidos; Emirates, via Dubai; e South African Alrways, via Johanesburgo", disse Santos. PROJETO

Aviagem realizada entre 5 e 16de maio foi a segunda promovida pela Prin cess Travei este ano. A primeira teve a Chinacomo destino e foi realizada em março. Os planos para o segundo semestre incluem a Tailândia- em setem

bro - e talvez a China novamente - em outubro. "Mem sempre conseguimos fazer quatro viagens educacionais, mas esse ano foi possível porque as com panhias aéreas estão com lugares disponíveis", conclui o diretor.

cestrais e de uma história muito im

e fiquei especialmente encantada com um templo budista magnífico

perdido em plena ilha de Jeju, no sul

O Jornal PANROTAS ulajou â conuite

participantes da viagem promovida

do país", declara ela.

da Princess Travei e da Korea Tourism

pela Princess Travei e Korea Tou-

Participaram da viagem, Jefferson

O Incheon International Airport, em Seul, ganhou, pela

de,concedido pelo ACI (Airports Council International) ao melhoraeroporto do mundo. O aeroporto sul-coreano competiu com outros 108 aeroportos. Incheon é um

dos maiores e maismovimentados aeroportos da Ásia,

Intermac Assislance

EM QUALIDAdI

AEROPORTO DE SEUL É quarta vez consecutiva, o prêmio Best Airport Woridwi-

Organization, segurado pela

INFRAESTRUTURA O aeroporto oferece os seguintes diferenciais: área para descanso com poltronas confortáveis reclinávels computadores com acesso gratuito à internet. cabines

para banho sem cobrança de taxas, museu, cinema, espaço para recreação infantil e aulas de artesanato

graças à localização da Coréiado Sul, que permite co

coreano - tudo de graça. E ainda, 70 lojas, hotel, spa,

nexões viáveis para todo o nordeste da Ásia.

70 restaurantes, agências de viagens que oferecem;, tours em Seul, enfim, tudo o que se pode esperar de^ um aeroporto completo. L.O sistema de check-in permite que todos os passa- Ti

Construído para a Copa do Mundo de 2002, Incheon começou a operar em 2001 e, em 2008, já contou com um movimento de 30 milhões de passageiros e 211.102

V008. Atualmente, 70 companhias aéreas passam por geiros, não importando para qual destino do mundo lá, levando passageiros para 170 destinos diferentes. É

o décimo segundo no mundo em quantidade de passa geiros internacionais e o segundo em tráfego de carga,

estejam viajando, peguem suas malas somente no

destino final. O tempo máximo de trânsito para todas

de acordo com os dados de 2008. Além disso, 62 cida

as cidades coreanas e também para algumas cidades da China e Japão é de 45 minutos, sem necessidade

des no Japão e China são atendidas com operações a sartlr de Incheon, totalizando 9,4 mil voos por mês.

de mudança de terminal.


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

CONFORTO ETECNOLOGIA VIA6EIVI Viva uma experiência

DE

MACNIFIQUE

Em meio ao cenário e a decoração impressionantes do hotel, sobra con

XO

forto. Não há apartamentos "mais simples". Cada um tem seu diferencial, sua vista exclusiva para ascolinas daCapadócia, seja das ante-salas, dos

quartos ou das banheiras. Os apartamentos, hoje. refletem de algum modo

fablolaôpanrolas.com.br

características da ocupação das cavernas das quais foram originados, transformando em decoração elementos como a antiga roda demoer grãos

s UM HOTEL "FEITO ÀMÃO" NA CAPADÓCIA

ou mesmo a despensaondese estocava a comida.

Apesar do ineditismo. o Museum Hotel tem todo o necessário para ocon forto dos hóspedes. Piscina, jardins e até uma sala de reuniões - subterrâ nea - para 50 pessoas. Orestaurante Lila éespecializado em pratos típicos daCapadócia. mas o menu tem também vasta gama depratos contempo râneos da gastronomia turca. Não há um spa, mas as massagens podem j ser realizadas nas próprias "cavernas" dos hóspedes. Amais luxuosa das^

'eitoà mão" é um termo empregado em uma série de produtos

"F

|

que lhes confere uma característica artesanal, em oposição à

produção industrial, realizada em série. Você certamente tem variados pertences que levam esse"selo" dentro desuacasa. Mas, e se a

sua casa éque levasse o"selo"? Éisso oque acontece no Museum Hotel, na Turquia, um hotel ímpar, leito à mão". Nem poderia ser de outra forma, uma vez que para construí-lo foi necessária a autorização do Ministério da Cultura do país, para só então ser iniciada a obra de limpeza das dez

suítes tem até cave própria e em qualquer uma delas é possível conectar

seu computador, graças à Internet wireless. Difícil, ali. étrocar avista emol durada pelas janelas recortadas nas rochas pelo monitor do computador.

casas e 60 cavernas que deram origem ao hotel.

Texto: Maria IzabelReigada (Uçhisar, Turquia)

Parece estranho? Eé.Na região central daTurquia, o hotel foi construído

na Capadócia, conhecida pelas milhares de cavernas - esculpidas pelos

o Jornal PANROTAS viajou a conuite da Avant Garde e da Turkish Alrlines

ventos e chuvas ouescavadaspormãoshumanas - que existem em suas colinas e montanhas. Mas é preciso entender um pouco da região para Bogotá • Buenos Aires • Cardales Cartagena - Ouarujá • New York Paris • Rio de Janeiro • São Paulo

apreciar aobra de construção do hotel. Claro, isso pode ser feito ouvindose as histórias de recuperação do local da boca do proprietário, Õmer Tosun, o responsável pela abertura do empreendimento, em 2002.

Os registros da ocupação humana nessa região são pré-históricos. Há pinturas rupestres nas muitas cavernas e vestígios mais recentes, da Idade Média, com construções inteiras erguidas nas montanhas de pe

dras, com templos, salões e casas. Existe todo um mundo subten-âneo na

<S>

Capadócia, por conta das muitas invasões enfrentadas entre os séculos

LIVETHE SOFITEL LIFE AROUNDTHE WORLD.

PAISAGEM QUE SE AVISTA DEUM DOSAPARTAMENTOS

SUlTEGUVERANLIKCAVE

sete e 12, uma vez que a região estava em plena rota entre o Oriente e

SERVIÇO:

o Ocidente.

Aproveitando essa condição, surgiram os "cave resorts", hotéis construí

www. eofitel. com

Museum Hotel

dos respeitando ascavernas existentes, que funcionam como apartamen

S

O

F I T

kU KW RV

CO.

1

(• is

E

HOTIW»

U

E-mail:

tos, hoje em dia. Há vários deles no destino eoMuseum Hotel é um dessa seleção, instalado em Uçhisar. São pouco mais de 30 apartamentos, ne nhum igual ao outro. Mas, para oproprietário do hotel, a história do lugar e a adaptação das cavernas não eram "suficientes" para transformar o

info@museum-hotel.com Site:

wvi/w.museum-hotel.com.

Museum Hotel em um empreendimento único. Ele foi além. Colecionador dearte, levou para lásuas relíquias, que hoje decoram as áreas comuns e

os quartos. Há têxteis preciosos, tapetes, mobília centenária em estilo otomano, sedas bordadas do século 19 e artefatos em terracota anteriores à Idade Média. O nome do hotel fica mais do que justificado.

Tarifas:

Apartir de 145 euros; as seissuítes imperiais têm diárias entre 520 euros e 1.650 euros.

SUlÍTE SULTAN CAVE

Quer mostrar o

PANROTAS

Braziiian Overview 2009

Brasil ao mercado internacional? Impresso em inglês, a edição 2009 do Braziiian Overview traz informações sobre o mercado brasileiro, apresenta

o potencial do País ao trade turístico internacional, aos executivos de empresas estrangeiras e atua como uma ferramenta para apresentar The best

source to guide

your business

o Brasil a potenciais parceiros comerciais e investidores.

Compre já o seu exemplar

in Brazil

apenas * mais despesas do envio

Facts and figures about the Braziiian tourism industry

Tel: (11) 2764-4816 assinaturas@panrotas.com.br PANROTAS ^^ww. panrotas.com. br


26 de maio a 1® de junho de 2009 JORNAL PANROTAS

Orçamento de promoção do

DESTINOS ANTÔNIO ROBERTO ROCHA H

RN está 100% maior /ist© pelo trade e por alguns em

cidas BTL (Lisboa), Fitur (Madrí), Bit (Milão) e ITB (Berlim), a Emprotur

Emprotur diz não ter a mesma verba que têm o Ceará e Pernambuco, mas promete ampliar sua divulgação no Brasil e no Exterior

Ainda em relação à mí dia internacional, a ca

presários como um dos Estados do Nordeste que menos investem em promoções e marketing turístico,

participou com estande ou mesa

pital potiguar está pre

de trabalho nas feiras Vakantibeurs

o Rio Grande do Norte promete re

(ültrecht, Holanda), Feríe 2009 (Co-

sente, pela prímeira vez, com anúncio na edição

Paulo. Queremos capacitar 1.2 mil agentes até o final do ano. Nós damos

dicas e incentivos para eles venderem

Natal. Eaproveitamos parafazer pro

verter o quadro este ano. O destino

penhague,

Reiseliev

não terá verbas tão expressivas à

deste mês da revista de

disposição, como têm o Ceará e Per

(Oslo, Noruega), Matka (Helsinque, Finlândia) e Tur 09 (Gotemburgo,

que permite que os emissores traba

nambuco, cujos orçamentos, só para publicidade, vão ultrapassar R$ 20

bordo da Tap, a üp. O diretor informa que em

Suécia). Todas foram realizadas en tre janeiro e abril deste nao. "Em um

camisa de Natal", comenta.

milhões este ano. Porém, em termos

setembro a revista publi cará uma ampla matéría

momento em que o fluxo internacio

de crescimento, o Estado potiguar

sobre o Rio Grande do

nal para Natal diminui, sobretudo de

Norte. "A próxima revista

Dinamarca).

terá um significativo aumento na

vido à críse mundial, não podemos

verba destinada a promoções. Es

parar de investir. Temos de estar presentes nos príncipais eventos e

to. Assim, se em 2008 o orçamento chegou perto dos R$ 5 milhões, nes

rícan Airíines", observa.

nos príncipais pólos emissores, para

Ainda neste mês. Natal

sermos sempre lembrados", observa

te ano será de R$ 10 milhões.

o diretor.

Responsável pela promoção turística

O diretor de Marketing da Emprotur

do Rio Grande do Norte, a Emprotur

lembra ainda que o Rio Grande do

meses do ano, ao mercado interna cional. De acordo com o diretor de

Marketing e ex-presidente da Em protur, Armando José (para surpresa do trade, ele foi substituído em abril

por Cláudio Porpino, que era suplen te de um deputado estadual), o tu rismo potiguar esteve representado em nove feiras na Europa, promoveu workshops exclusivos e fez algumas

Norte realizou alguns workshops re centemente na Europa e desenvolve campanha de mídia atualmente em

três países: Dinamarca, Noruega e

Suécia. Essesmercados foram suge ridos pela direção da Tap, que tem cinco voos semanais para Natal. Ho landa, Alemanha e Portugal também têm sido alvos de propagandas, tan to em veículos impressos como em portais eletrônicos. Armando José

das lojas, principalmente da CVC, lhem durante toda a semana com a

#

PRÓXIMO PASSO A próxima ação de marketing do

de bordo a receber mídia de Natal será a da Ame-

pera-se mais de 100% em incremen

(Empresa de Promoções Turísticas do Rio Grande do Norte) deu aten ção especial, nos quatro primeiros

moções de uma semana nas vitrines

Rio Grande do Norte será no final do mês, quando uma caravana de hote

leiros fará um roadshou) por 15 ci

foi destaque no jornal holandês De Telegraaf,

dades de Minas Gerais. "Nossos três

ARMANDO JOSÉ. DIRETOR DE

novos focos neste ano são os mer

MARKETING DA EMPROTUR

que enviou, em março, uma repórter ao Rio Grande do Nor te, acompanhando um famtour de agentes de viagens holandeses.

cados emissores de Minas Gerais,

feriados serão mantidas no segundo semestre, o somará ao todo sete

campanhas. Nos pólos emissores em potencial, como São Paulo e Rio

de Janeiro,serão três campanhas ao

MERCADO NACIONAL o diretor de Marketing da Emprotur

mês), segundo o diretor, que tam

prevê que o Rio Grande do Norte também baterá recorde este ano em

em três programas de TV com ampla

ano (uma delas com duração de um

bém cita ações de merchandising

promoções no mercado nacional.

audiência nacional.

Ele estima que o destino, por meio da empresa de promoção, partici pará de 30 feiras e dez workshops exclusivos do produto turístico po

nova modalidade de workshop que está sendo desenvolvida pelo turísmo potiguar. "Estamos optando pela ca

tiguar ao longo deste ano. Ainda de

pacitação. Já treinamos agentes de

Paraná e Rio Grande do Sul. Preci samos de mais promoções nesses Estados, que vêm se revelando bons polos emissores para o Rio Grande

do Norte. São Paulo e Interíor pau lista continuam fundamentais, claro,

porém temos ações de marketing quase permanentes nessas regiões", observa Armando José.

Ele chama ainda a atenção para a

campanhas publicitárias.

estima em R$ 1 milhão (10% do total destinado a promoções) o gasto com divulgação e marketing no Exterior

Além das tradicionais e mais conhe

acordo com ele, as inserções publl-

no prímeiro quadrímestre.

viagens de Brasília e Belo Horizonte

citárías regionais antecedendo os

e agora vamos partir para Rio e São

EXPEDIENTE PRESIOeiTE

José Gulllermo Condomi Alcorta OIRErORA DE MAmnWfi Heloisa Prass

DIRETOH UMHitSTninVQ

Ricardo Jun ItiTsugawa

SGrnana dG Natal no Rio ^Mnotas

laiMiartfeM REMÇilO

Entre 18 a 22 de maio, o destino

Artur Luiz Andrade (artur«panrotas.com.br)

Natal "invadiu" o Rio de Janeiro,

BRASILEIROS

cujas 26 lojas da CVC receberam

NO EGITO

decoração especial com banners

O empresário egípcio Elhamy Elzayat, chairman e CEO da Emeco Travei,

e cartazes de atrações turísticas

potiguares. No período, a grande maioría dos emissores trabalhou com

uma

camisa

alusiva

direito

também

a

- Antonio Roberto Rocha

|arrocha®samnet.com.br) PMBÉ-Dayse Regina Ferreira (dayseferreira@üol.com.br)

operadora de receptivo no Egito, esteve no Brasil para fortalecer as parcerias

á

promoção que uniu a Emprotur e a CVC. Foi a Semana de Natal, com

Fálima QatMiro (fatima«panrotas.com.br) Rtportitm;Cláudio Schapochnlk. MaijorI SchrMder. Renê Affonso de Castro. Cabrlel Guirão (estagiário), e Felipe Nicmeyer (RJ) WíiratM:Emerson de Souja e Marluce Balbino

GBWTEK PROJETOS ESPECIAIS

Fabioia Bemfeito (fabiola@panroias.com.br) MARKnilK

' comerciais com este

uma

mercado. Representada no

badalada festa na casa noturna

Armando José, da Emprotur. e André Gonzaga, da CVC

Brasil e na Argentina pela

Marianna C. Alcorta

(malcorla0panrolas.cotn.br)

ELHAMY ELZAYAT COM SIDNEY ALONSO. DAAVANTGARDE

;Avant Garde, aEmeco Travei realizou, no L'Hotel. em São Paulo, um café

E

da manhã para ospotenciais clientes no segmento de incentivos, como :operadoras e empresas especializadas. Na ocasião. Elzayat apresentou

= z

Lapa 40 Graus, que reuniu cerca de 500 agentes de viagens e emissores de empresas que demonstraram bom fluxo comercial para Natal nos

falta dessa aproximação com o mercado caríoca, daí a realização da

últimos anos.

Noite Potiguar em 19 de maio. Mas

;as inúmeras possibilidades que este segmento tem dentro do destino. ^ "Fazer um jantar no meio do deserto ou em frente às pirâmides são alguns -

Antes da festa, porém, a capacitação

não será em todos os mercados que

exemplos do que podemos proporcionar", destacou o empresário. Com dois E

outra vez deu o tom. Armando José.

vamos promover festas. Em alguns casos, a capacitação e o marketing nas lojas já são suficientes", ressalta

anos de parceria com a Avant Garde, a Emeco jácolheu bons frutos para

diretor de Marketing da Emprotur. afirmou que os dois prímeiros dias da Semana de Natal foram dedicados a

o diretor.

=

seus negócios. "Fechamos trêsgrupos de incentivo de brasileiros. Esse é um r

,bom resultado, tendo em vista opouco tempo de promoção neste mercado e 3 as dificuldades de acesso aéreo que ainda temos. Com os voos da Emirates 3

Outro aspecto lembrado pelo diretor da Emprotur diz respeito aos sorteios e concursos de viagens.

a partir do Brasil, aumentamos nossas possibilidades decaptar ainda mais 3

As "aulas" ficaram a cargoda equipe técnica da Emprotur e de um guia da agência de receptivo Potiguar

"No Rio, por exemplo, sorteamos

em média oito dias. jáque devido à distância percorrida até o país o Ideal

Turismo, que atende à operadora CVC

três participações em famtours para

treinamentos de emissores da CVC.

em Natal. Os minicursos aconteceram

Natal com tudo incluído, e estamos

no

disponibilizando mais sete vagas no famtour para os emissores que mais

próprío auditório da sede da

filial carioca da operadora e foram acompanhados de perto pelos 20 representantes da hotelaria potiguar que são parceiros do evento.

"Esse é nosso modelo ideal de mar

keting, pelo menos atualmente. In

clui capacitação, vitrinagem e, de pendendo do lugar, uma festa. Como

sempre fazíamos uma promoção durante o workshop da Shangrí-lá. e depois na feira da Bessitur. sentimos

venderem o Rio Grande do Norte até 20 de julho", comenta. A hotelaria potiguar também faz sua parte. Os

quatro hotéis de Natal que mais recebem turístas pela CVC - Ocean Palace, Parque da Costeira, Yak Plaza e Residence Praia - estão premiando

grupos", explica.

zj

Para os brasileiros, os roteiros de incentivo promovidos pela Emeco duram =1 3

éaproveitar não apenas Cairo, mas outros destinos mais ao sul. De acordo j

Icom Elzayat alocomoção dentro do Egito éfácil, tanto aérea como terrestre. 3

IOempresário, que também faz parte do boardda Egypt Air, anunciou que a = Icompanhia acaba de comprar mais 20 aeronaves da Embraer. Há três anos. E Ia empresa jáhavia feito uma compra de20 aviões, que foram entregues

=|

iaté ocomeço deste ano. "Essa éuma grande vantagem, pois esses aviões ^ menores permitem que a Egypt Air tenha operações domésticas diversas 1vezes ao dia, facilitando ainda mais a locomoção dentro do país", explicou. OEgito recebeu no ano passado 13 milhões deturistas internacionais. Este número em 2005 erade seis milhões. Os principais mercados emissores são: Inglaterra, Rússia, Alemanha e Itália. O Brasil é o maior mercado da

com seis carros e 50 televisões os

América Latina para o Egito, com cerca de30 mil turistas. OMéxico vem na

emissores que mais venderem o destino Natal até o final do ano.

seqüência com 20 mil visitantes.

j

«nMBriii; Samanta Calefl, EricaVenÉurim e Monica NaomI Tsugawa

MlitMDt

Sandra Gonçalves

PRODUÇÃO

_•

I- Reiende (alice0panfotas-c«n.bf)

I ít Pmfe^iK Newton dos Santos

(newton@panrolas.com.br)

Olagnma^: Juarei Estevan e Penha Campregher TrMmentD dtimagwn: Rudney Soares e Wagner Felip Pré^mpwrto: Eduardo A. Oliveira

Projftfl Bráfiu; Graph-Jn Comunicações COMERCIAL

GttMO AAnlnMMin Vh«»: Karina Kamogawa (karina0panrotas.com.br) Ennthoc

Marcos Arruda (marcos@panrotas.com,br) PrIscHIa Ponce (priscilla©panrota3.com.br) Ricardo Sidaras (rsidsras©panrotas,com.br) Rogério dosSantos (n:igerio®panrotas.com.br) Tais Bailestero deMoura (taisepanrolas.com.br)

Pammeiia Alavaski (pamelaôpanrotas.com.br) Mathália Falcão (anuncios®panrot#s.com.br) BraumOSÕWMDEW

Antonio Jorge Filho (jorgeOpanrotas.com.br) F«£ CONOSCO

MatricAvenida Jabaquara. 1761 -Saijde São Paulo - Cep; 04045-901

Tei.: (11)2764-4800 (Tronco Chave) Fax:(n) 2276-1602

Flavio Trombieri (new,cast®panrolas.com.br) New Cast Publicidade üda

SRTVS-QD 701 - BL. k • Sala 624

Ed. Embassy Tower • Cep;70340-908 Tei: (61) 3224-9565 Rb<fejMeá«

Símone Lara (sblara@seasonsportlouf.com) Season Turismo e Marketing e Esportes Ltda RuaMarquês de Séo Vicente. 124/507bloco03 Cep; 2245 i -040 - Riode Janelro/RJ Tei: (21) 2529-2415 / 8873-2415

ttSMTU»S Ma it AbMMmm: ValderezWallner

(valdefeí0panrcitas.com.br}

OJornal PANROTAS è vendido somente por assinatura.Paraassinar,ligueno (11)2764-4816 OU acesse o site ww».panroea9.com.br t RS 387

Impresso naLis Gráfica eEditora Ltda. (Guanihos/SP)


PANROTA%

,.

_^

destinos

apegar 'pelo

é

Um dos rios mais famosos

do mundo pelo seu tamanho

e peculiaridades, o Nilo é uma joia africana que

potencializa o seu valor W^cultural e turístico no Egito,

onde percorre cidades, templos, monumentos, tumbas que marcam uma parte da história da civilização humana. Um breve passeio de barco

por ele reúne os pré-requisitos básicos do que se entende por um turismo perfeito: a união de sol, diversão, banho de cultura, compras, contemplação... Alexandre CampbeM

Rio Nilo

texto e fotos

Há controvérsias entre os pesqui

sadores para estabelecer definitiva

uma das paisagens mais típicas do

mente qual é o maior rio do mundo,

país: um rio verde escuro com ve getação exuberante em suas mar

se o Nilo ou o Amazonas. Uns dizem

que o Nilo é oprimeiro em extensão,

gens, tendo as dunas monumentais

comaproximadamente 6,8 mil km, e

do deserto ao fundo. O Nilo é de

o Amazonas o primeiro em volume

de água.Hoje, já existem pesquisas que apontam o Amazonas como o

de todos os cantos do mundo, prin

se pode dizer é queambos são rios caudalosos, de extrema beleza e fundamental importância para as

fazem o percurso em conjunto,

afirmar nada neste sentido. O que

regiões onde estão localizados. De um lado, o selvagem Amazonas,

que tem seus arredores pratica mente intocados, cercado por ma tas úmidas e frondosas, e de outro o histórico Nilo, freqüentado desde os idos de 3.200 aC. quando se formou

a civilização egípcia, e que guarda em seu arredor o maior deserto do mundo e restos da história da civili zação humana. Ambos os rios são uma viagem no

quase engarrafam o rio, pois eles seguindo uns aos outros. São quase 200 companhias fluviais de turismo que exploram o Nilo no Egito. Os turistas dormem e se alimentam nos barcos, geralmente fazem cruzeiros de duas ou quatro noites, ou até de uma semana, ex

ploram as cidades e os monumen tos durante o dia, e quando não estão conhecendo lugares, estão se deliciando na piscina do barco

contemplando um visual inusitado.

tempo, mas o Nilo é também uma viagem a um mundo totalmente

Pode-se dizer que eles sentem na

novo. Internacional, o rio nasce no

ou melhor, de faraó, por alguns dias. Nada mal para quem puder ousar e se aventurar nesse des tino tão rico em detalhes. Quem

norte do lago Vitória em Uganda, cruza o Sudão inteiro e entra por

todo o Egito, desembocando em

de Camac

cipalmente da Europa, é quase que ininterrupto durante todo o ano. O movimento das embarcações turísticas é intenso, os barcos

6,9 mil km, portanto, não é bom

Templo

uma beleza e sensualidade eston

teantes, porissoofluxo de visitantes

maior também em extensão com

Pirâmides de Guizé

cias, e se pode ver precisamente

pele o que é ter uma vida de rei,

formato de delta no Mar Mediter

preferir conhecer melhor as ci

râneo. ao norte do país. Sua bacia

dades ribeirinhas deve ficar um

engloba ainda outros seis países

pouco mais em cada uma delas,

africanos, mas o show de cultura e de charme se dá em território egíp

alternar a viagem de barco com

alguns trechos em ônibus, e viver

cio, mais precisamente entre as ci

um pouco mais a fundo o clima

dades de Luxor e Assuan.

árido e quente do deserto.

Nesse pedaço se concentra boa

parte dos templos e tumbas egíp


02 - 26 de maio a 1® de junho de 2009

PANROTAS,

destinos

c^equirão viagem fam osul mmo a (B^ssuan rUMliS OF

rtusEfnm] SETH nakht .SBTl II Nü : 15

Vale dos Reis em Luxor

Vale passear pelas ruas de Lu xor antes de partir, curtir o longo calçadão nas margens do rio, entrar nas lojas, visitar o Museu de Luxor. sentir o clima de uma

cidade pulsante incrustada no deserto. A caravana de barcos segue contra a

correnteza do

Nilo rumo ao sul. Diversos tipos de roteiros podem ser feitos, os a favor do rio duram menos tem

po, mas os melhores são os que permanecem mais tempo nas

duas cidades principais. No caminho de Assuan, encontrase Edifue Kom Ombo, que entram no roteiro apenas por causa de seus templos. A parada nessas

duas cidades é rápida e objetiva. Edifu abriga um templo novo e

bem conservado, que ainda pos sui teto em grande parte de sua construção. Consagrado a Oros. ele demorou 180 anos para ser construído e pintado, foi erguido sobre um outro templo mais an tigo e, pelas suas dimensões, ó considerado um dos mais impor tantes templos do Egito, junta mente com Carnac e Abu Simbel.

Templo de Kom Ombo

tenso, com direito a curiosos en

garrafamentos. Em Kom Ombo o templo é o resultado da união de dois templos vizinhos. Situado no

plo de File.

na região sul do Egito chamada

mano, além de uma bela vista da

A barragem, construída na década de 60. formao lago Nasser, um dos

desenvolveu como a mais antiga

pequena cidade e do rio, abriga

maiores do mundo, produz quase

civilização negra da África.

desenhos do calendário egípcio e uma listade ferramentas cirúrgi

70% da eletricidade consumida em

Dentre os muitos programas inte

todo o Egito e ainda proporciona

ressantes para se fazer na cidade,

cas esculpida em seus muros.

estão uma visita ao Nubian Mu

Finalmente, o roteiro básico do Nilo ó coroado com a cidade de

uma bela vista da região. Nas mar gens desse lago, o Templo de File, ou a casa da deusa Isis. impera soberano e os turistas só podèrn

Assuan, de 250 mil habitantes,

onde 70% das pessoas depen

compras no El Suk - o mercado

fazem o trajeto de ida e volta do

dem do turismo direta ou indireta mente para viver, o rio oferece a

foi transportado de seu loca! origi

de rua da cidade que oferece uma

nal entre os anos de 1972 e 1980,

templo, formando um tráfego in

variedade incrível de artesanatos

interessante ilha de Elephant Tie,

quando o desmontaram em mais

e roupas - um giro de felluca pelo

de 14 mil blocos.

barcos, entram ao mesmo tempo em dezenas de charretes, que

É lá que se encontra a tumba dos

os templos tebanos, as posses de

faraós Thot-Ank-Ámon ou Tutankamon, dos muitos Ramsés. Tutmósis,

Os imponentes templos de Luxor e Carnac formam um complexo de

terras, e navios de todo o Egito. Hoje, Carnac é um vasto campo de ruínas inundado de sol, com partes de paredes em arenito ou calcário, onde dá para imaginar as grandes salas e capelas quando eram co

Amon-Ofis, dentre outros.

cio. local onde os faraós erguiam

dimensões colossais em meio à

templos grandiosos após seus triun

cidade de Luxor. Antigamente eles

fes. A cidade era a preferida pelos

bertas de telhados e as paredes

eram interligados por uma imensa

quando foram pintadas com cores

egípcios antigos para entenar seus

avenida de esfinges com cabeças

vivas. É possível também sonhar

mortos. Eles viviam do lado leste e

enterravam os mortos do lado oeste

de carneiro. Até hoje ainda não se conseguiu reconstituiressa avenida,

do Nilo. o lado do pôr do sol. que significava a morte. Dizem que os

nando o visual do lugar algo mágico

egípcios antigos cuidavam mais da morte do que da vida. As tumbas de Luxor são as mais

bem conservadas do Egito. Elas eram construídas de forma dissimu

lada, cobertas por areia para que ninguém soubesse ao certo o seu verdadeiro local, salvo os sacerdo tes e os trabalhadores. Trabalhavam

mas as esfinges continuam lá tor e encantador. O templo de Luxor,ou de Amon, tinha dois obeliscos feitos por Ramsés 2. de 25 metros de al

tura, e um deles está hoje na Place de Ia Concorde (Praça da Concór dia) em Paris. Carnac, por sua vez.

é considerado o maior templo de colunas do mundo. Segundo his

nas tumbas os melhores artesãos

toriadores. a igreja de Notre Dame de Paris entraria tranqüilamente

da época, que as pintavam intei

dentro dele tamanha é a sua gran

ras. Os sacerdotes escreviam os

diosidade.

textos e os prisioneiros de guerra

Muitas histórias rondam esses templos. Uma delas diz que eles foram construídos no local onde

as escavavam. A luz era passada por espelhos e eles usavam ainda

Núbia, que na antigüidade se

seu. um passeio pelo Fryal Garden, um parque situado à beira do rio, no mínimo uma tarde inteira de

O engraçado é que nessa cidade todos os turistas que saem dos

Luxor ó a cidade mais importante

foi Tebas. capital do império egípi-

com os quinze obeliscos outrora

existentes em vários lugares dali. Ainda nos arredores de Luxor. o Templo de Ramsés 3. ou Medinet Habu, é um dos

edifícios mais

de File em Assuan

charmosos e conservados do Egi to, onde o turista pode ter a verda

deira noção da arte egípcia. Data do do século 10 aC, sua fachada tem um aspecto militar, com paredes que acentuam o caráter

da guerra, matança de inimigos e cabeças de prisioneiros. Esse templo, assim como muitos outros por todo o Egito, é muito utilizado como palco de grandes eventos e

rochosa, em um vale, de visual

tátuas gigantescas, com 20 metros

jantares de gala.

extraordinário, considerado uma

de alturacada, que representam em

E. para completar um roteiro bási

obra-prima da arquitetura egípcia pelas suas rampas, terraços e co

com as mãos apoiadas nos joelhos.

A piscina de um barco em navegação peto Nflo

um azeite que produziafogo e não

supostamente o Deus

egípcio

influenciava nas cores das tintas. O lugar onde estão situadas as principais tumbas chama-se Vale

Amon-Rá criou o mundo. Naépoca

ao templo da rainha Hatshpsut

de Ramsés 3, o templo de Carnac tornou-se o coração do principal

e aos Colossos de Memnon. O

centro religioso e econômico do país. De lá se administravam todos

é um imenso mausoléu construído

lunas. A rainha o mandou construir para receber a sua própria tumba e a de seu pai Tutmósis 1. Já os Colossos de Memnon é o que restou do templo de Amon-Ofis

em 15 aC. na base de uma cadeia

3construído em 15 aC. São duas es-

portantes para o turismo no Egito.

chegar a ele de barco. Esse templo

ot contém

co pelos monumentos da cidade de Luxor, deve-se fazer uma visita

dos Reis, é um dos locais mais im

à barragem de Assuan e ao Tem

alto de uma pequena elevação na beira do Nilo, tem estilo grego ro

situada às margens do Nilo, onde se arqueológicos, templos e tumbas. Durante longos séculos seu nome

Nilo (a felluca é um barco a vela

típico do Egito) e, claro, uma visita

mundo. Assuan está localizada

(9 luxo cjue a ci^a^e concentra o maior número de sítios

as dunas do deserto parecem que vão cobrir a cidade e a grande ve dete é a terceira maiorrepresa do

primeiro, chamado Deir El-Bahari,

Mercado em Assuan

dose dupla o faraó sentado no trono Conta-se que em 27 aC um ten-ível ten^moto danificou gravemente al guns monumentos de Tebas, atin

gindobastante essas imagens. I p.iqiiin 4


www.setur.ce.gov.br

r

^

.

Governo DO Estado DO Ceará Sccrctariíi iÍo íiirismo

I

m —

EM

mundaú NOt! fICA tOM Oã 0015.

ForoleiTe^P^oM""'"»'""'

;maeruua«"""~ r Há 150 km de

.>.ÍVí

S«!„m dos mais belos enconuos do -io com o maré baixa, caminhar nas águas rasas do lugar.

«niomanauezal e, durante a mare

Com tudo isso. Mundaú éolugar ideal para ovisitante etambém para os seus pacotes tunsticos.

Viva essa alegna M:'íS

N

.c


04- 26 demaio a dejunho de2009

PANROTASy

destinos

^miosi^aBes A Quatro milhões de trabalhadores participaram da construção de Keops, a maior pirâmide do Egito. Calcula-se que em todo o país existam de84a 105 pirâmides grandes e pequenas.

A Transformar um corpo em múmia era muito caro naquela época. Portanto, apenasos faraós e sacerdotes eram mumificados. Alguns animais como, por exemplo, cães e gatos, também foram mumificados.

A No Egito Antigo, os escaravelhos, besouros grandes e colori dos, eram seres sagrados, símbolos da sorte, e são usados até

os dias de hoje como amuletos relacionados com a vida após a morte. Eram postos nas mumificações para proteger o morto no caminho para o além.

A Aflor de lótus é osímbolo do amor, do sol, da criação e do renascimento no Egito. A planta, que emerge das profundezas dos pântanos e simboliza a manifestação da natu

o Cairo visto do alto da Cidadela de Saladino

reza universal, foi muito

(Sutms lotas

eq{j)cias

o Cairo é a capital e a porta de entrada do país e. junto com Giza, cidade gêmea, separada apenas por pontes sobre oNilo, formam um complexo urbano de quase 20 milhões de habitantes. Vale a pena explorar a cidade na chegada e na saída do país. Éobrigatório, por exemplo, conhecer as pirâmides de Giza ou Gizé, que estão situadas nos arredores da cidade, em um grande parque em pleno de serto, com a vista do Cairo ao fundo. Elas são três; Keops, de 147 m, Kefren, de 136 m, a única que tem a ponta conservada, e Míkerinos, de 66 m, revestida em parte com granito rosa. Acredita-se que

usada na arte e na ar

quitetura do Egito antigo.

A Não era costume os egípcios serem governados por

mulheres naquela época, por isso a rainha Hatshpsut, que mandou construir um dos maiores monumentos egípcios, oTem plo Delr El-Bahari, usava roupas de homem.

as pirâmides eram edifícios funerários, embora alguns especialistas defendam que eram também templos religiosos.

Além das pirâmides, o parque abriga a famosa esfinge de Gizé, construída no terceiro milênio aC

em pedra calcária, com 20 mde altura, seis metros de largura e 57 mde comprimento. Aesfinge é uma imagem mitológica, criada no Egito Antigo, com corpo de leão e cabeça de ser humano, geral mente de um faraó. Para os egípcios antigos a imagem de uma esfinge significava poder e sabedoria. Serviam, no imaginário egípcio, como protetoras das pirâmides e dos templos. OMuseu do Cairo é um dos pontos turísticos principais da cidade. Lá, deve-se conhecer a sala onde estão os sarcófagos e a imagem de Tutankamon, e pagar um ingresso a parte para entrar nas salas das múmias. Passear e, principalmente, comprar no mercado de Khan El Khalili, é totalmente reco

mendável. Lá se pode tomar ofamoso chá gelado de hibiscos, fumar otambém conhecido narguilé, chamado de shisha pelos egípcios, e desfrutar do vai e vem das pessoas em seu arredor. É indis pensável ainda conhecer a Mesquita Madraza e subir na Cidadela de Saladino, deonde se tem uma visão geral da cidade e das pirâmides ao fundo.

Eo Egito não para por aí. Toda a costa do Mar Vermelho oferece inúmeras opções de resorts à beira mar, pontos de mergulho e uma boa infraestrutura turística. Apenínsula do Sinai, que liga os con

tinentes da África e Ásia também oferece opções de turismo nas montanhas e no mar. Sem contar com a alegria à beira mar dacidade deAlexandria, fundada por Alexandre o Grande, o mais célebre conquistador do mundo antigo. Segunda maior cidade do país, Alexandria é banhada pelo mar Medi

terrâneo e oferece ao turista um vasto material histórico em seus museus, palácios e praças, já que no passado foi uma das cidades mais importantes do mundo.

Templo de Deir El-Baharf

ervfco A AAvant Garde representa no Brasil a Emeco, empresa de receptivo do Egito.

E-maii: wsoares@avantgardeluxe.com Site: www.avantgardeluxe.com

A O hotel Semiramis Intercontinental Cairo oferece serviço de primeira qualidade, inclusive para congressos e conferên cias. Muito bem localizado na cidade, em frente ao Nilo, de lá se pode ir caminhando para o Museu do Cairo e para o mer cado Khan El Khalili.

E-mail: administratlon@semiramisinterconti.com Site; www.intercontinental.com

A Port Ghalib é um complexo turístico situado no litoral sul do

V

Egito, em pleno mar Vermelho, que abriga quatro hotéis, um centro de convenções, uma manna internacional, lojas e restau rantes. Está preparado para receber turistas de todo o mundo e fica bem perto de Luxor. cidade à beira do rio Nilo de onde saem

barcos para passeios turísticos pela região. E-mail: info@portghalib.com Esfinge de Guizé

Site: www.portghalib.com

Profile for PANROTAS Editora

Jornal PANROTAS - Edição 861 - Maio/2009  

Jornal PANROTAS - Edição 861 - Maio/2009

Jornal PANROTAS - Edição 861 - Maio/2009  

Jornal PANROTAS - Edição 861 - Maio/2009

Profile for panrotas