Page 1

Infante

Revista do Município de Penela

07/2010 Smart Rural Living Lab Penela em década 1


2


3


05 Mensagem do Presidente

06 Obras Públicas

07 Urbanismo

10 Acessibilidades

13 Candidaturas QREN

16 Desenvolvimento Económico

23 smartRural Living Lab

26 Desenvolvimento Rural

30 Villa Romana do Rabaçal

33 Cultura

41 Eventos

44 Feira Medieval

46 FAGRIP / S. Miguel

48 Sessão Solene

51 Penela Presépio 08

52 Mercado do Queijo Rabaçal

53 Educação

65 Turismo e Património

68 Aldeias de Xisto

70 Ambiente

75 Agenda 21 Local de Penela

76 Saúde e Acção Social

82 Protecção Civil e Florestas

84 Gestão e Organização

87 Desporto

93 Uma década em revista

129 Penela na Imprensa

130 Ainda em 2010

Ficha Técnica Propriedade: Município de Penela Director: Paulo Júlio, Presidente da Câmara Edição: Gabinete de Comunicação Paginação: Gabinete de Comunicação Revisão: João Falcão Periodicidade: Anual Distribuição: Gratuita Impressão: Rebelo Artes Gráficas, Lda. Tiragem: 3000 exemplares Depósito Legal n.º: 238250/06 Câmara Municipal de Penela, Praça do Município, 3230-253 Penela Telf. - 239 560 120 Fax - 239 569 400 Email - gab.imprensa@cm-penela.pt 4


MENSAGEM DO PRESIDENTE

Porque terminou a primeira década do século XXI, quisemos fazer uma revista especial que visa homenagear todos os Penelenses, cada um de Vós que contribuiu para chegarmos até aqui, com esforço, com dificuldades é certo, mas sobretudo, com esperança no futuro do nosso Concelho de Penela. O desenvolvimento de um território faz-se à volta de uma complexidade de factores e recursos, com um enquadramento social e económico que não depende directamente da nossa vontade. Mas independentemente dos pontos de vista há uma certeza sobre desenvolvimento. Só é possível desenvolver, havendo uma visão e uma estratégia, trabalho em rede entre os vários parceiros, entidades e os próprios cidadãos e, uma liderança que seja capaz de interpretar a vontade. Na prática, o que procuramos realizar vai ao encontro dos três desígnios que apresentámos no discurso da tomada de posse do passado mês de Outubro. 1º Desígnio – Reforçar a capacidade de atrair e fixar investidores; Hoje, é uma realidade indiscutível, temos um conjunto de vários investimentos privados na área do turismo (Hotel, Unidade de Turismo de Saúde nas Obras do Dr. Bacalhau, o projecto do Resort para o Esquio e o Pessegueiro, casas de Turismo em Espaço Rural) que vão criar emprego, desenvolvimento e que necessitam de ser consolidados através da continuidade de políticas públicas de valorização do território. Além disso, pretendemos até ao final de 2013, preencher todos os lotes da Zona Industrial de Penela, dando resposta à procura de investidores do Concelho e também de fora do Concelho. Para completar, construiremos o Habitat de Empresas na Quinta do Vale do Espinhal, permitindo a fixação de mais 15 empresas, ligando-o ao Ensino Superior e ao Instituto Pedro Nunes, numa perspectiva de criação de novas oportunidades para os jovens licenciados e de criação de empresas inovadoras. 2º Desígnio – Implementar políticas dirigidas às crianças e aos jovens; As políticas de educação, cultura e desporto são essenciais para criar um ambiente de excelência em termos de qualidade de vida. Nos últimos anos foram realizados investimentos muito importantes nestas áreas, onde destacamos o papel da biblioteca, do auditório e do relvado sintético, os quais modificaram o nosso quotidiano e, sobretudo, a vida dos nossos mais jovens conterrâneos. Nos próximos anos, assistiremos ao maior investimento de sempre na área da educação, através da construção dos centros escolares, equipamentos que vão aumentar a qualidade do enquadramento educacional dos nossos filhos e netos. 3º Desígnio – Consolidar a valorização do território através de vários eixos de desenvolvimento em parceria com outros municípios. Penela integra a Rede de Aldeias do Xisto, o programa da Romanização Villa Sicó, entre outros projectos em rede baseados na identidade da nossa região, facto que promoverá investimento público e privado, tão necessários para fixar pessoas. Ainda neste âmbito, os concursos públicos das estradas municipais Alfafar-Podentes e Cerejeiras- Fetais Cimeiros estão adjudicados, as requalificações urbanas das Vilas do Espinhal e Penela em execução e em fase de concurso, respectivamente, valorizando a nossa pequena economia local, incluindo o comércio tradicional e melhorando a qualidade de vida urbana de todos os Penelenses. Finalmente, temos perante nós, quase por todo o Concelho, o maior investimento de sempre em saneamento e abastecimento de água, permitindo equilibrar este indicador com o padrão europeu. Trata-se de 2 ETAR (Quinta do Pinheiro e Cerejeiras/Pisão) em construção, do emissário do Dueça, desde Louriceira até à nova ETAR da Quinta do Pinheiro, do emissário da Serra e do Emissário de Podentes. Se acrescentarmos a confirmação da construção do novo IC3 entre Tomar – Penela - Coimbra, a reabilitação da EN 347-1 (Espinhal - Castanheira de Pêra) e a reabilitação do IC8, Penela ficará no centro do Centro de Portugal e a nova década, agora iniciada, vai ficar na nossa história e constituirá um marco relevante nas nossas referências de desenvolvimento. Contamos consigo! Contamos com todos! 5

Paulo Jorge Simões Júlio (Presidente da C. M. de Penela)


OBRAS PÚBLICAS

01

02

03

04

05

06

07

08

10

09 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10

·· Novas condutas de água e saneamento em Casal Pinto ·· Requalificação do Centro Histórico do Espinhal ·· Reabilitação do Pelourinho de Podentes ·· Consolidação de muro de suporte junto ao Centro de Saúde ·· Depósito Casal Pinto ·· Águas do Mondego - ETAR Quinta de Cima ·· Águas do Mondego - Emissário da Venda do Moinhos ·· Conduta de água na Chainça ·· Centro Educativo de Penela ·· Águas do Mondego - Emissário Cerejeiras, Carvalhinhos, Fetais Fundeiros, Fojo, Fonte Prequina e Cancelas

6


URBANISMO

Casa Mortuária de Podentes foi inaugurada A autarquia inaugurou em Março a Casa Mortuária de Podentes, uma obra que veio colmatar uma lacuna há muito sentida pela população da Freguesia de Podentes. A intervenção teve como principal objectivo a edificação de uma casa mortuária e a requalificação do largo contíguo ao cemitério. Este edifício agora inaugurado dispõe de um espaço condigno ao acolhimento de cerimónias fúnebres, o que até então não existia nesta freguesia. O Custo total desta obra foi de cerca de 89.880€. Uma mais-valia para a sede de freguesia uma vez que este edifício fica na entrada desta freguesia, uma zona que há muito necessitava de requalificação, e que com esta intervenção ganhou uma nova visibilidade.

01 02

01

·· Paulo Júlio, Victor Vieira e Padre Daniel ··

02

·· Casa Mortuária de Podentes

7


URBANISMO

Requalificação do Centro Cultural de Cerejeiras

01

O Centro Cultural das Cerejeiras foi alvo de requalificação, as obras de intervenção no que há muito anos foi a Escola Primária deste lugar, envolveu todo o edifício, desde calçadas a pintura, alumínios, pisos, todo o palco, tectos, tornando-o num Centro Cultural com todas as condições para as mais variadas actividades culturais e não só. O Custo total desta requalificação foi de cerca de 85.000€ Uma obra que veio dar novo ânimo à população de Cerejeiras e de todos os lugares limítrofes, que há muito ansiava por melhores condições neste espaço associativo e de convívio da população. 02

03 01

·· Centro Cultural das Cerejeiras ··

02

·· Francisco Reis, Joaquim Oliveira, Paulo Júlio e Fernando Antunes

03

·· Espectáculo de Encerramento do Inverno Cultural

descerram a placa

8


URBANISMO 01

Centro Cultural da Lagoa de Podentes já é uma realidade

02

O Centro Cultural de Lagoa de Podentes, inaugurado a 10 de Maio, onde funciona a sede da Associação Recreativa e Cultural da Lagoa de Podentes, foi uma obra muito desejada pela população que contou com o financiamento e apoio do Município de Penela, bem como da Junta de Freguesia de Podentes. A intervenção no edifício comprado há 9 anos pela Associação Recreativa e Cultural da Lagoa de Podentes foi de raiz, uma vez que a casa antiga, acabou por ruir. O Custo total desta obra foi de cerca de 61.500€, sendo subsidiado em 50% pela candidatura feita á CCDR no âmbito do Programa de Equipamentos Urbanos de Utilização Colectiva. A autarquia continua a aposta no apoio e promoção do associativismo no concelho, este centro, tal como outros, visa ser um ponto de encontro das populações” promovendo a proximidade das pessoas. 01 02 03

·· Paulo Júlio, Filipe Santos e Victor Vieira

04

·· Jardim das Gerações

·· Centro Cultural da Lagoa de Podentes ·· João Falcão, Leonor de Oliveira Guimarães, Jorge Pereira, Paulo Júlio, Paula de Oliveira Guimarães, Renato e Emídio Domingues

Novo Jardim no Espinhal promove convívio entre Gerações Espaço de lazer intergeracional destinado primordialmente a ser fruído pelos utentes do Jardim de Infância e do Lar e Centro de Dia do Espinhal, o “Jardim de Gerações – Conselheiro António Luís Oliveira Guimarães”, no Espinhal, foi inaugurado a 14 de Junho.

03

04

Este espaço, localizado entre o Jardim de Infância do Espinhal e a Casa de Beneficência Conselheiro Oliveira Guimarães, foi cedido pela Família Oliveira Guimarães para que servisse a população do Espinhal. A ideia principal ao criar este “Jardim de Gerações” foi a ligação física entre os utentes destas duas instituições, duas gerações diferentes que aqui se podem agora juntar, conviver, aprender e trocar experiências. A família Oliveira Guimarães, a Junta de Freguesia do Espinhal e a Câmara Municipal de Penela, ao associarem-se para a viabilização deste equipamento, constituem um claro exemplo de como tudo é mais fácil quando as instituições e a sociedade civil têm o desprendimento de trabalhar em conjunto para o bem comum.

9


ACESSIBILIDADES

Beneficiação da Estrada Municipal Camarinha - Chainça A estrada Municipal que liga Camarinha à Chainça foi alvo de obras de beneficiação que consistiram no alargamento e pavimentação. Aproveitando o arranjo da estrada foi ainda substituída a conduta de água de abastecimento à Chainça, em funcionamento desde 1981. A conduta agora construída, ao permitir o abastecimento com água proveniente da estação de tratamento de água das Cancelas proporciona o acesso a água de melhor qualidade e em maior quantidade para a população da Chainça.Com um custo total de cerca de 149.000€, esta obra veio melhorar as acessibilidades à Chainça.

Autarquia reabilitou a estrada de Cancelas A estrada Municipal das Cancelas é uma via fundamental para a população residente na serra do Espinhal e um importante acesso para os que se dirigem à Praia Fluvial da Louçainha. Esta obra, com um custo total de quase 150.000€, permite agora melhores acessos não só a Cancelas como aos lugares envolventes, Fojo, Fetais Fundeiros, Fetais Cimeiros, Louçainha, etc. Este investimento representa mais um passo na estratégia de desenvolvimento global do território, onde a Serra do Espinhal assume um papel importante. Esta zona do concelho vai ser entretanto dotada de uma nova infraestrutura rodoviária ligando as Cerejeiras e os Fetais Fundeiros. Inaugurada a 26 de Julho, não foram esquecidos os agradecimentos à população que cedeu gratuitamente terrenos para que esta via municipal fosse devidamente reabilitada.

10


ACESSIBILIDADES

01 02

·· Paulo Júlio e Alfredo Curcialeiro descerram a placa ·· Estrada Venda das Figueiras - Cumieira

Autarquia rectificou estrada Venda das Figueiras - Cumieira A rectificação da estrada Venda das Figueiras - Cumieira, com variante, inaugurada a 30 de Agosto, veio melhorar os acessos entre estas localidades, assim como as condições de circulação e segurança rodoviária deste troço.

01

Na Cumieira foi construída uma variante que liberta aquela sede de freguesia dos inconvenientes da constante passagem de viaturas. Os trabalhos efectuados para a reabilitação da via, bem como para a construção da variante, tiveram o custo total de 233 mil euros. Esta estrada é a primeira de um pacote de 3 estradas estratégicas, onde se incluem as estradas de ligação de Podentes-Alfafar e Cerejeiras-Fetais Cimeiros, que a autarquia prevê iniciar até ao final do corrente ano.

02

11


URBANISMO

Lagoa da Cabeça Redonda foi alvo de reabilitação da envolvente Situada no lugar da Cabeça Redonda, esta Lagoa, há muito que havia sido detectada como prioridade, atendendo das más condições de segurança e ao seu subaproveitamento. A reabilitação de que foi alvo traduz-se na requalificação da envolvente, na colocação de barreiras físicas de forma a salvaguardar a segurança de quem usufruir do espaço, na substituição da paragem de autocarro, na colocação de vegetação de enquadramento e na criação de uma área de descanso e de lazer. O projecto foi elaborado pelo Gabinete de Planeamento Urbanístico e Projectos (GPUP) do Município.

População da Silveirinha satisfeita com novo Largo A requalificação do Largo da Silveirinha criou uma zona de estar e lazer para os habitantes deste lugar, inaugurado a 29 de Agosto.

01 02

Este espaço é agora também porta de entrada na Silveirinha e o local ideal para convívio e encontro das suas gentes, não esquecendo as crianças que têm uma área específica com um equipamento lúdico. O custo total da obra foi de 30 mil euros e o projecto foi desenvolvido pelo GPUP do Município. Esta foi mais uma de muitas obras de requalificação de espaços que se têm realizado por vários aglomerados urbanos do concelho, com vista a melhorar as condições de vida das populações.

01 02

12

·· Luís Reis, Presidente da Junta de Freguesia de S. Miguel descerra a placa ·· Largo da Silveirinha


CANDIDATURAS QREN

Candidaturas Individuais Programa de financiamento

Tipologia

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo III - Requalificação da Rede Escolar

POVT Programa Operacional de Valorização do Território

Eixo IX - Infra-estruturas e equipamentos desportivos

PRODER

Medida 2.3 - Gestão do Espaço Florestal e agro -florestal

PRODER

Medida 1.3 - Promoção da Competitividade Florestal

PRODER

Medida 2.3 - Gestão do Espaço Florestal e agro -florestal

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo II - Parcerias para a Regeneração Urbana

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo IV – Prevenção e Gestão de Riscos Naturais e Tecnológicos – Acções Imateriais

PRODER GAL Terras de Sicó

Medida 3.2 - Melhoria da qualidade de vida

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo III - Requalificação da Rede Escolar

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo I - Competitividade, Inovação e Conhecimento

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Projecto

Ponto da Situação

Centro Educativo de Penela

Candidatura aprovada em 24-07-2008

Complexo Desportivo de São Jorge - Fase 1

Candidatura aprovada em 30.12.2008

Reconversão de Povoamentos com Fins Ambientais - Quinta Vale Espinhal

Candidatura submetida em 28.02.2009

Melhoria Produtiva dos Povoamentos - Quinta Vale Espinhal

Candidatura aprovada em 23.04.2010

Minimização de Riscos Defesa da Floresta contra Incêndios - Amiaizinhos Casal Santo Estevão; Quinta do Couço - Podentes

Candidatura submetida em 14.03.2009

Reabilitação do Centro Urbano de Penela: - Parque das Águas Romanas - Plataforma de capacitação local - Cultura, Ambiente e Património - Requalificação Urbanística da Rua de Coimbra

Candidatura aprovada em 30.06.2009

Actualização do Plano Municipal de Emergência de Protecção Civil - Penela

Candidatura aprovada em 12.08.2009

Recuperação e Beneficiação do Centro Cultural Cerejeiras

Candidatura submetida em 30.10.2009

Centro Educativo do Espinhal

Candidatura aprovada em 05.11.2009

Rede de Área Local para o Centro Educativo de Penela e Espinhal

Candidatura submetida em 06.11.2009

Eixo III - Mobilidade Territorial

Beneficiação da EM Cerejeiras - Fetais Cimeiros

Candidatura aprovada em 23.12.2009

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo III - Mobilidade Territorial

Beneficiação da EM Alfafar - Podentes

Candidatura aprovada em 23.12.2009

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo I - Sistema de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial e Logística

HIESE - Habitat de Inovação Empresarial dos Sectores Estratégicos

Projecto inserido na contratualização com a CIMPIN

PRODER

Medida 1.6 - Regadio e outras infraestruturas colectivas

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo IV - Protecção e Valorização Ambiental

Beneficiação/Construção de Caminhos Agrícolas do Concelho de Penela

Candidatura submetida em 28.01.2010

Requalificação Urbanistica do Centro Histórico do Espinhal

Candidatura submetida em 05.03.2010

13


CANDIDATURAS QREN

Candidaturas Colectivas Programa de financiamento Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Operação

Entidades Envolvidas

Ponto da Situação

Membros da ADXTUR

Candidatura reconhecida como EEC em 08.06.2009

Eixo V - Estratégias de Eficiência Colectiva PROVERE

Rede das Aldeias do Xisto

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo V - Estratégias de Eficiência Colectiva PROVERE

Villa Sicó - Programa de Valorização Económica dos Espaços da Romanização

Membros da Associação de Desenvolvimentos Terras de Sicó

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Eixo V - Estratégias de Eficiência Colectiva PROVERE

Buy Nature - Turismo Sustentável em Áreas Classificadas

Diversas Entidades da NUT II - Região Centro

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro

Mais Centro Programa Operacional Regional do Centro INTERREG IVC Programa de Cooperação Inter-regional

INTERREG SUDOE

14

Tipologia

Eixo II - Redes Urbanas para a Competitividade e a Inovação

Eixo IV - Protecção e Valorização Ambiental

Candidatura reconhecida como EEC em 08.06.2009

Rede Urbana dos Castelos e Muralhas Medievais do Mondego: - Casa da Noz - Iluminação Nascente e Circuito de Manutenção e Lazer do Castelo de Penela - Recriações Históricas

Municipio de Penela, Miranda do Corvo, Lousã, Montemoro-velho, Soure, Coimbra, Pombal, Figueira da Foz,IPN - Instituto Pedro Nunes, Direcção Regional de Cultura do Centro, Universidade de Coimbra, Turismo Centro Portugal

Gestão de Resíduos & Empreendedorismo nas Escolas

Municipio de Penela, Alvaiazere, Ansião, Condeixa-A-Nova e Pombal

Candidatura aprovada em 05.11.2009

Municipio de Penela, IPN mais treze parceiros de 8 países

Candidatura aprovada em 05.11.2009

Municipio de Penela, ESAC mais 6 parceiros de Espanha

Candidatura submetida em 30.04.2010

Ermis - Effective Reproducible Model of Innovation Systems Área Prioritária 1 - Inovação e Sociedade do Conhecimento Promoção da inovação e de redes estáveis de cooperação em matéria tecnológica

Candidatura reconhecida como EEC em 08.06.2009

smartRURAL - Rede transnacional para I+D+i e melhoria de competitividade de zonas rurais no SUDOE

Candidatura submetida em 10.07.2009


CANDIDATURAS QREN

01

Reconhecimento Formal da Candidatura ao PROVERE «VILLA SICÓ - Programa de valorização económica dos espaços da romanização» O Governo Português reconheceu formalmente a 2 de Agosto, a candidatura da Terras de Sicó – Associação de Desenvolvimento ao PROVERE - Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos - com a iniciativa «VILLA SICÓ - Programa de valorização económica dos espaços da romanização» numa cerimónia que decorreu no Centro de Congressos de Lisboa (antiga FIL), promovendo o eixo da romanização de Conímbriga a Sellium (Tomar). O evento contou com as presenças do Ministro do Ambiente, do Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional, Francisco Nunes Correia, do Secretário de Estado do Desenvolvimento Regional, Rui Baleiras, do Presidente da Comissão Directiva do Mais Centro, Alfredo Marques e dos presidentes dos restantes programas operacionais.

02

Neste acto foram reconhecidos, para além do projecto da Terras de Sicó, mais 24 Programas de Acção a nível nacional, sustentados em 387 Projectos Âncora e 2 855 projectos complementares, que correspondem a um investimento superior a 5,6 mil milhões de Euros. A iniciativa PROVERE é um instrumento de política que cruza iniciativas de coesão nacional com a dinamização de projectos de investimento promovidos por micro, pequenas, médias e grandes empresas, agências de desenvolvimento regional, associações de desenvolvimento local, municípios e organismos da administração pública central. O investimento previsto terá um impacto significativo no relançamento da economia nacional promovendo a economia das regiões mais desfavorecidas do território nacional.

01 02

·· Paulo Júlio e Francisco Nunes Correia ·· Paulo Júlio e Alfredo Marques no momento da assinatura

15


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

Penela recebe Prémio de Iniciativa Empresarial Responsável O Município de Penela foi premiado com uma menção honrosa (2º Prémio) nos Prémios Europeus de Iniciativa Empresarial, na categoria de Iniciativa empresarial responsável e inclusiva. Uma candidatura realizada no âmbito do protocolo existente entre o Município e a CerciPenela, que visa a limpeza de exteriores (ruas das Vilas de Penela e Espinhal e das sedes de freguesia de Cumieira, Podentes e Rabaçal) e trabalhos gerais de jardinagem, efectuados por equipas da CerciPenela, no âmbito de protocolo celebrado entre as duas entidades. Esta iniciativa é um exemplo de solidariedade social e de integração de jovens portadores de deficiência, sendo uma experiência que, quer pelos objectivos da profissionalização, quer pelos resultados positivos, justifica amplamente este prémio.

IAPMEI e DNA Cascais apoiam Empreendedorismo nas Terras de Sicó O IAPMEI (Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação), a Terras de Sicó – Associação de Desenvolvimento e a Agência DNA Cascais, assinaram um Protocolo de colaboração para implementar um “Ecossistema Empreendedor”, abrangendo os municípios de Alvaiázere, Ansião, Condeixa-a-Nova, Penela, Pombal e Soure, com recurso aos instrumentos do Programa FINICIA promovido pelo IAPMEI, que consiste num mecanismo de apoio ao financiamento de novas empresas através de financiamento bancário, garantia mútua e capital de risco. O “Ecossistema Empreendedor” é um projecto lançado pela Agência DNA Cascais, criada pela C.M. Cascais, com o objectivo de apoiar a criação de empresas e o espírito empreendedor, composto por escolas empreendedoras (formação em empreendedorismo e concurso de ideias), concurso de ideias de negócio aberto à população (CINC), empreendedorismo social, ninhos de empresas, clínicas empresariais, Business Angels, apoio ao investimento e soluções de financiamento e capital de risco. O acordo assinado prevê a réplica deste Ecossistema nos municípios que integram a Terras de Sicó, depois do êxito que teve em Cascais. Os concelhos abrangidos vão beneficiar da transferência de know-how por parte da DNA Cascais e da aplicação do Programa FINICIA, designadamente, a disponibilização da Plataforma FINICIA da Beira Litoral para projectos provenientes do Ecossistema Empreendedor Terras de Sicó. O protocolo prevê ainda a possibilidade de, no futuro, o Ecossistema Empreendedor da Terras de Sicó vir a pertencer à rede DNA. 16


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

4º Fórum promoveu dinamismo e inovação empresarial Sob o lema “O Futuro, aqui”, o Município de Penela realizou, a 14 de Novembro, a 4ª edição do Fórum de Desenvolvimento Económico. Com a parte da manhã dedicada a temas como “Eixos de Investimento em Penela” e “Novos modelos de Desenvolvimento Local”, foram apresentados projectos turísticos que abrangem o concelho, o Hotel Duecitânea que se vai instalar na Ponte do Espinhal, assim como modelos de sucesso de incubadoras nas mais variadas áreas, tais como o IPN e a BioCANT. A autarquia apresentou também o HIESE, habitat de Inovação Empresarial para os Sectores Estratégicos, destinado a incubar empresas ligadas à agricultura, florestas e energias renováveis, com o objectivo de desenvolver estes sectores estratégicos do concelho. No final da manhã concluía-se que era fundamental cada concelho ou região aproveitar os seus recursos e produtos endógenos como forma de promover e desenvolver o território.

Durante a tarde foram abordados temas regionais e nacionais, recomeçando os trabalhos com o tema “Desenvolvimento Regional no Centro”, onde oradores, como o Presidente da CCDRC, Alfredo Marques, e a Directora de marketing da AICEP, Isabel Cardoso, falaram de Clusters e Áreas de Localização Empresarial, respectivamente. A Directora Executiva da Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal, Marli Monteiro, falou da criação de marcas turísticas fortes como é o caso da marca Turismo Centro de Portugal, e da importância que tem a criação deste tipo de marcas em rede, baseadas no que de melhor tem cada uma das regiões para oferecer. O Fórum de Desenvolvimento Económico foi encerrado com o Painel “Portugal mais competitivo?”, que juntou representantes de duas empresas que a nível nacional são consideradas casos de sucesso, a Crioestaminal e a Frulact, que apresentaram o seu percurso e evolução, assim como alguns dos seus projectos de desenvolvimento para o futuro. “Inovar e empreender são as palavras-chave para a competitividade do país”, afirmou Pedro Saraiva, tendo por base os case studies apresentados. Francisco Banha reforçou a importância da criação de ideias de negócio originais e viáveis que permitam às empresas portuguesas inovarem nos mercados internacionais, serem reconhecidas, ganhando notoriedade e tornando-se competitivas. Foi reforçada a importância do apoio financeiro da banca, de que é exemplo a Caixa Capital, representada por José Furtado, que tem vindo a criar novos produtos dedicados à criação de novas empresas e apoio à investigação.

17


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

Município de Penela presente na CIC 09 A CIC – Feira Comercial e Industrial de Coimbra é uma iniciativa que nasce em 1976, da vontade e da necessidade de promover um certame com tipologia de “Feira”, dirigido numa primeira fase a todas as actividades do Distrito, mas aberta à participação de empresas nacionais. A 29.ª edição da CIC decorreu de 27 de Junho a 5 de Julho na Praça da Canção, em Coimbra, certame que contou com cerca de 130 expositores, de entre os quais o do Município de Penela, uma presença que tem sido assídua nos últimos anos. Esta é uma oportunidade de participar no desenvolvimento regional e uma forma importante de promover o concelho e todo o seu património histórico, natural e gastronómico, conquistando mais visitantes.

Penela Center um investimento de excelência no concelho Abriu na primeira semana de Dezembro, na Zona Industrial de Penela, o Centro Comercial Penela Center. Um espaço onde além do supermercado Minipreço, tem ainda um Bazar, uma cafetaria/pastelaria com esplanada interior equipada com internet sem fios e 13 lojas com uma vasta gama de produtos, desde roupa para criança, a acessórios, informática, lavandaria, retrosaria entre outros. No espaço há uma área dedicada a festas de aniversário, com serviço de catering e animação. Durante as épocas festivas, o Penela Center tem sempre animação e aos finsde-semana, um espaço de diversão para os mais novos, enquanto os pais fazem as compras. Este Centro Comercial é um investimento privado, dinamizador de todo o concelho e zonas limítrofes, que criou mais de uma centena de postos de trabalho.

18


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

01

HIESE - Habitat de Inovação Empresarial nos Sectores Estratégicos O Habitat de Inovação Empresarial nos Sectores Estratégicos (HIESE) irá localizar-se na Quinta do Vale do Espinhal, perto da actual Zona Industrial de Penela.

02

A criação do Habitat Empresarial insere-se na perspectiva estratégica de desenvolvimento económico e social do Concelho de Penela e vai fomentar o aparecimento de ideias negócio ligadas aos quatro sectores estratégicos: produtos endógenos, floresta, turismo, e energias renováveis. O HIESE, para além do espaço físico que permitirá fixar 15 novas empresas numa 1ª fase, irá ter as seguintes especificidades: - investigação - campos de testes/proximidade à investigação - actividades empresariais âncora - aparecimento de spin-offs ou outras empresas em fase inicial de constituição

01 02 03

·· Imagem 3D do Interior do HIESE ·· Quinta Vale Espinhal ·· Imagem 3D do HIESE

As actividades de investigação e de testes podem ser levadas a cabo no espaço que a quinta tem ao seu dispor (12 ha de área agrícola e 19 ha de área florestal). O HIESE vai procurar ser uma referência de inovação e de conhecimento em rede. O estudo prévio está concluído e prevê-se que esteja em funcionamento no final de 2012 (obra com financiamento assegurado no QREN). 03

19


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

Governo Adjudicou concessão do Pinhal Interior Foi a 10 de Janeiro numa cerimónia que decorreu na Zona Industrial do Camporês, que o Primeiro Ministro de Portugal adjudicou ao consórcio Ascendi a concessão do Pinhal Interior. A futura via ligará o concelho a alguns dos principais eixos estruturantes, reduzindo em mais de 40 por cento os tempos de percurso e a taxa de sinistralidade. Esta via, há muito reivindicada por toda a região, vai colocar Penela a 20 minutos de Coimbra e a 7 minutos da A1. O Pinhal Interior, uma sub-região distante e isolada do resto do país há décadas, vê agora a sua oportunidade, com a concessão do Pinhal Interior a garantir as acessibilidades há muito justificadas. Segundo o Governo, esta nova concessão vai criar nas suas obras cerca de quatro mil novos postos de trabalho, envolvendo mais de 200 empresas. Um investimento que irá potenciar a fixação de novas empresas que induzirão mais 44 mil empregos nesta região.

Obras no Hotel decorrem em bom andamento O Hotel Duecitanea, de inspiração Romana, situado na antiga fábrica de papel, na Ponte do Espinhal, está em obras desde 1 de Dezembro de 2009, encontrandose em fase de recuperação de fachadas e construção das estruturas de suporte. Este projecto de Turismo Lúdico e Cultural, Hotel com SPA, Jardins e Mini-golfe que incluirá ainda um Campo de Férias e Parque de Campismo, é o primeiro equipamento do género no concelho e que vem colmatar uma lacuna nesta área. Este empreendimento assume uma importância relevante na estratégia de desenvolvimento do município na medida em que, para além de dotar o concelho de uma resposta hoteleira há tantos anos reivindicada, vai criar um significativo número de postos de trabalho directos, bem como dinamizar todo um conjunto de actividades indirectas ao nível da produção e comercialização de produtos endógenos para consumo interno e para venda aos clientes.

20


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

Município de Penela e IPN integram Projecto ERMIS Município de Penela e o IPN Incubadora integram o Projecto ERMIS, numa parceria realizada no âmbito de uma candidatura ao Programa INTERREG IVC. No âmbito da área prioritária “Inovação e Sociedade do Conhecimento” do INTERREG IVC, o IPN, como incubadora de empresas de renome mundial, foi convidado a ser parceiro no projecto ERMIS. Como era necessário ter outro parceiro, entidade pública da área da administração local, para realizar a candidatura, convidaram o Município de Penela, considerado como exemplo de boas práticas no fomento do empreendedorismo e inovação em territórios de baixa densidade demográfica e de pequena dimensão. O Programa INTERREG IVC é um programa de cooperação inter-regional que visa a partilha de conhecimento e experiência entre parceiros (associações ou entidades públicas) de diferentes países, com objectivos de desenvolvimento comuns. Este programa abrange para além dos 27 estados membros da União Europeia, a Suíça e a Noruega. O programa está estruturado em duas áreas prioritárias: Inovação e Sociedade do Conhecimento e Ambiente e Prevenção de Riscos. Inserido na primeira área prioritária do INTERREG IVC, o Projecto ERMIS (Effective Reproducible Model of Innovation Systems) tem como principal objectivo desenvolver em conjunto, entre os parceiros, um modelo de administração eficaz e transmissível aos sistemas de inovação local (LIS), dedicados ao fomento da importância da inovação dentro das PME. No Projecto ERMIS estão envolvidos 9 países, Portugal, Espanha, França, Itália, Grécia, Holanda, Hungria, Dinamarca e Roménia, num total de 15 parceiros, compostas por instituições e empresas destes países. Com duração prevista de 36 meses, o ERMIS irá contribuir para melhorar a eficiência das políticas públicas, métodos e capacidades de apoio às PME, de forma a incentivar a inovação, que levará a um crescimento sustentável e contribuirá para o desenvolvimento global dos territórios abrangidos.

21


DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

Autarquia candidatou GAICE à Rede de Conhecimento AMA Município de Penela candidatou o Gabinete de Apoio à Inovação, Competitividade e Empreendedorismo (GAICE) à Rede de Conhecimento da Agência para a Modernização Administrativa (AMA). A AMA convidou várias Entidades a partilharem boas práticas/Iniciativas que consideram ter tido mais sucesso e que tenham tido impacto ao nível da Modernização e Simplificação de Processos, ao nível do serviço ao Cidadão ou outra qualquer área pertinente na Gestão Pública. O objectivo é a criação de uma Rede Comum de Conhecimento (RCC) uma plataforma colaborativa de apoio à partilha de iniciativas de modernização, inovação e simplificação administrativas da Administração Pública portuguesa e dos países de língua portuguesa. Após ter tido conhecimento da nomeação do GAICE, no ano passado, para o Prémio de boas práticas no sector público, atribuído pela Deloitte, a AMA fez o convite ao Município de Penela, para que o GAICE, como exemplo das suas boas práticas apresentasse a candidatura à Rede de Conhecimento da AMA. O GAICE dedica exclusivamente a sua actividade às acções de criação e fixação de novas empresas, bem como ao apoio à reestruturação de empresas actualmente existentes e é um prestador de serviços junto de todos os agentes e para todas as iniciativas relacionadas com a promoção e desenvolvimento em Inovação, Competitividade e Empreendedorismo. As suas boas práticas são aos mais vários níveis: no incentivo à instalação de novas empresas no Concelho com especial enfoque nos sectores estratégicos; na promoção de uma cultura de inovação, competitividade e empreendedorismo, desde os mais novos até aos empresários do concelho; assim como, na elaboração de projectos estruturantes para o desenvolvimento económico do concelho, colaborando na concertação e coordenação ao nível da administração municipal em conjunto com os serviços envolvidos em cada projecto. O GAICE é responsável também pela coordenação da implementação e gestão executiva do Plano Director de Inovação Competitividade e Empreendedorismo (PD-ICE).

22


SMART RURAL LIVING LAB

Município de Penela integra Rede Europeia de “Living Labs” A 13 de Abril decorreu em Valência (Espanha) a Cerimónia Europeia de apresentação dos cerca de 70 novos membros da Rede Europeia de “Living Labs” (ENoLL), dos quais 5 são portugueses, sendo um deles o Projecto do Município de Penela, Smart Rural Living Lab. A Rede Europeia de Living Labs – EnoLL – é uma comunidade de Living Labs, com uma estratégia sustentável para melhorar a inovação sistémica. A ENoLL tem como objectivo apoiar a investigação, desenvolvimento e inovação co-criativa e humano-centrada para melhor atender às necessidades humanas. Beneficiando todos os parceiros na Incubação de projectos conjuntos resultante da partilha de conhecimento, assim como a possibilidade de testarem os seus produtos/serviços em contexto real, recebendo os inputs necessários dos utilizadores. O Projecto Smart Rural Livig Labs – SRLL – que integra a EnoLL, tem como missão a promoção da inovação e o desenvolvimento de investigação em novas tecnologias, metodologias e aplicações de modo a obter uma integração deste território de baixa densidade demográfica num mundo global competitivo, permitindo assim o aparecimento de novos serviços/produtos e oportunidades de negócio e promover a participação dos cidadãos na sua definição e nos seus testes. Pretendemos com o SRLL transformar as várias franquezas e restrições deste território de base rural num cluster de conhecimento. O objectivo do SRLL é produzir conhecimento através de um modelo de sustentabilidade baseado em 4 vectores: - recursos naturais (agricultura, floresta, prevenção florestal, pastoreio); - desenvolvimento social e bem-estar (saúde e lar de idosos); - turismo e identidade (preservação do património, caçadas virtuais, etc.); - cidadania e empreendedorismo (acesso à internet e participação pública). Esta integração de Penela na EnoLL é um passo extremamente importante para a consolidação da estratégia de desenvolvimento do Município de Penela no que concerne à área de empreendedorismo e inovação, atracção de novas empresas e de jovens qualificados à volta de sectores como a agricultura, florestas, saúde, turismo e património. A entrada na ENoLL, conjuntamente com a construção do HIESE e de um conjunto de pequenos projectos complementares vão fazer do Município de Penela uma referência de trabalho em rede nas áreas referidas. 23


SMART RURAL LIVING LAB

Parceiros no Smart Rural Living Lab • ISA (Intelligent Sensing Anywhere) • YDreams • IPN (Instituto Pedro Nunes) • Universidade de Coimbra – GATS • ESAC (Escola Superior Agrária de Coimbra) • Inovisa • SPI – Sociedade Portuguesa de Inovação • Desafio das Letras • GesEntrepreneur • IsGreen • Dedal • Filmes da Vila • FLOPEN • CEC/CCIC – CBA (sponsor)

24


SMART RURAL LIVING LAB

Projectos identificados no Smart Rural Living Lab • FireTrack - Sistema de detecção e previsão em tempo real de incêndios florestais. O protótipo está a ser construído e terá de ser testado. Terá como benefícios a alerta em tempo real das autoridades oficiais de modo a que consigam responder mais eficientemente em situações de incêndio, criando assim um impacto positivo na preservação do meio ambiente e contribui para salvar vidas humanas. • “Looking for my Health” - Este projecto pretende desenvolver uma plataforma remota de medicina preventiva e pré-diagnostica por várias razões: maximizar o aparecimento de diagnósticos de doenças respiratórias e ataques cardíacos fatais; aumentar o conforto dos pacientes que precisam de monitorização rigorosa e constante de sinais vitais; reduzir os custos com as despesas de saúde; reduzir as barreiras físicas entre as populações remotas e os centros de saúde. O protótipo está na fase final e pronto para ser testado. • Pastoreio Virtual 2.0 - Este projecto pretende desenvolver um inovador sistema de monitorização e de gestão que permita um aumento significativo da produção de leite de cabra usado na produção do queijo Rabaçal DOP. • Internet para zonas remotas - Apesar do enorme avanço tecnológico em todo o mundo, ainda há zonas onde a comunicação é um problema. Este projecto faz parte de N4C (Networking for Communications Challenged Communities). • YDreams’ techologies - Teste de produtos como uma plataforma móvel georreferenciada para turistas ou o I-Garment (fato inteligente para bombeiros). • Agricultura de precisão - A IsGreen irá usar o território para testar novas tecnologias baseadas em sensores para medir e monitorizar o crescimento do calo, das raízes, da cor da folha, analisar o solo e com imagens satélite para maximizar a produção agrícola.

• Shared Heritage - Reconstrução de bases de dados de árvores genealógicas promovendo o seu acesso de forma interactiva e intuitiva com o utilizador. • Bussiness & Biodiversity – Programa de Educação Ambiental GesEntrepreneur e Desafio das Letras vão delinear um programa de educação ambiental direccionado à população escolar. O ensino do empreendedorismo em territórios de baixa densidade demográfica e a biodiversidade são das mais promissoras oportunidades para atingir um desenvolvimento sustentável. • Fomentar o envolvimento das pessoas à sua comunidade - A SPI vai analisar, diagnosticar e estruturar novos e mais efectivas metodologias para a participação do público e para o envolvimento da comunidade com o desenvolvimento local. Fase: conceito. • Artesanato - A Dedal irá usar o território para reunir uma rede de artesãos locais e contribuir para o desenvolvimento de zonas rurais, promovendo simultaneamente a integração social dos idosos. Fase: conceito. • Produção de Filmes - A Filmes da Vila vai partilhar o seu conhecimento com os outros parceiros de forma a promover os seus produtos de forma profissional. Também irá produzir filmes turísticos para promover o património natural, cultural e social do território.

25


DESENVOLVIMENTO RURAL

Autarquia promoveu Acção de Sensibilização sobre o PRODER O Município de Penela conjuntamente com a Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Centro promoveu uma acção de esclarecimento sobre o PRODER, um instrumento estratégico e financeiro de apoio ao desenvolvimento rural e que tem como objectivos aumentar a competitividade dos sectores agrícola e florestal, promover a sustentabilidade dos espaços rurais e dos recursos naturais e revitalizar económica e socialmente as zonas rurais. Tratando-se de um programa que privilegia os investimentos privados, importa ser do conhecimento de todos aqueles que desenvolvem projectos de exploração na área florestal e agrícola. Sendo um tema de grande interesse num concelho como o de Penela em que 75% do território é de área florestal e com origens e tradições agrícolas, acções como esta são importantíssimas, o que justificou o auditório cheio, com cerca 100 proprietários florestais e agricultores, bem como técnicos de outras entidades. Durante cerca de 3 horas Técnicos da Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, Eng.º João Gamboa, Eng.º Rui Melo e Eng.ª Silvina Neves tentaram esclarecer sobre questões relacionadas com as medidas florestais do PRODER. O Município de Penela foi uma das autarquias pioneiras na Região Centro a realizar este tipo de acções.

Mercado de Agricultura Familiar e Tradicional de Penela, um mercado de cheiros e sabores da região A chegar ao segundo ano de realizações o Mercado de Agricultura Familiar e Tradicional de Penela, afirmou-se como uma das acções mais marcantes na valorização da agricultura tradicional. Uma vez por mês os Penelenses e demais visitantes lá poderão encontrar os mais frescos e saborosos legumes ou frutas da época. Esta iniciativa continua a juntar produtores do concelho que aqui se juntam para venderem as suas produções, sendo já um hábito não só para quem vende, mas também para quem compra.

26


DESENVOLVIMENTO RURAL

Autarquia promove BROA CUMIEIRA A “Broa Cumieira” realizada no dia 31 de Maio de 2009, na Cumieira, foi uma iniciativa da Câmara Municipal de Penela, onde os participantes foram convidados a aprender ou reviver o fabrico tradicional da broa na região. Enquanto as broas cozeram no forno, os participantes visitaram as ruínas dos moinhos de vento, as eiras, um moinho, em plena laboração movido a energia eléctrica. No final cada participante levou uma broa para casa e participou numa prova de azeites e de broa no Centro Cultural da Cumieira. Esta é uma dinâmica sociocultural de bioturismo que visa potenciar o território, as suas riquezas naturais, cultura e tradições. O objectivo desta iniciativa é desenvolver um olhar exterior aos ritmos das populações sejam eles dos trabalhos agrícolas ou de lazer, da natureza, das estações, ou das colheitas... que assim partilham o seu saber e modo de vida com outros, privilegiando as relações humanas e a mútua troca de ideias e experiências.

27


DESENVOLVIMENTO RURAL

Romeiros estiveram na Praia Fluvial da Louçainha O Município de Penela no âmbito da realização do Mercado da Agricultura Familiar e Tradicional na Praia Fluvial da Louçainha, como forma de aproveitar a época balnear e dinamizar esta praia, promoveu uma Romaria a Cavalo por algumas das mais belas paisagens da Serra do Espinhal. Cerca de 12 romeiros participaram nesta Romaria com o objectivo de divulgar as actividades equestres e de promoção do território, proporcionando aos visitantes, a oportunidade de tomar contacto com os animais, num ambiente saudável de diversão e de turismo ecológico. Com este tipo de actividade além de se promover a região com os seus recursos naturais, pretende-se também, dar ênfase na dinâmica e relevância regional das actividades relacionadas com o desenvolvimento da Fileira do Cavalo. A romaria começou no santuário São João do Deserto, pelas 9H30m, com uma prova de produtos endógenos, seguida de 15 quilómetros, maioritariamente por caminhos rurais, de monte em monte e passando por aldeias da serra do Espinhal, onde os romeiros puderam usufruir dos terraços agrícolas de Traquinai e das belezas naturais da Serra, dirigindo-se à Capela de São João Soberbo. Por fim e depois das aldeias de Bajancas Cimeiras e Malhada chegaram à Praia Fluvial da Louçainha, onde se realizou o encerramento desta importante iniciativa de promoção do concelho através do eco turismo e do incentivo às populações para o reviver das tradições equestres.

28


DESENVOLVIMENTO RURAL

VINALIA - O Sabor de Podentes O Município de Penela realizou nos dias 27 e 28 de Junho, a primeira edição da “VINALIA - O Sabor de Podentes”, uma forma única e original de dar a conhecer os segredos do vinho e toda a arte em seu redor, com visitas a vinhas, passeios equestres, provas de vinhos, pintura ao ar livre, entre muitas outras actividades. Este evento, que teve como principal objectivo a promoção dos vinhos Terra de Sicó, decorreu numa área do concelho – Podentes, Alfafar e Chainça – onde a produção vinícola é preponderante. Para além da divulgação dos vinhos Terras de Sicó, foi um momento de transmissão do conhecimento das melhores técnicas de vitivinicultura, através da realização de acções teóricas e práticas centradas no vinho e nos seus processos de produção. Aproveitando as potencialidades do bioturismo enquanto actividade que pode acrescentar valor à actividade vitivinícola, associámos ao evento a equitação, proporcionando ao visitante a oportunidade de um olhar demorado aos vinhedos da Região durante o passeio equestre. Reforçando a ancestral ligação entre o vinho e a arte, decorreu uma actividade de pintura ao ar livre, na Chainça, numa clara associação à fase fenológica em que a vinha se encontra nesta época do ano – a fase M-Pintor.

29


VILLA ROMANA DO RABAÇAL

Comemorações do Dia Internacional dos Museus no Rabaçal Inauguração da Exposição «Registo Gráfico de mosaicos in situ» No âmbito das Comemorações do Dia Internacional dos Museus, no Espaço-Museu da Villa Romana do Rabaçal, foi inaugurada uma exposição sobre o registo gráfico de mosaicos in situ na Villa Romana do Rabaçal 2002-2008, uma experiência de voluntariado e de entreajuda internacional, assim como, o respectivo catálogo. Esta exposição e catálogo têm como tema dominante a necessidade e a urgência de realização do registo gráfico do património musivário de época romana no Rabaçal, a nível do desenho, da cor e da fotografia. Nela podem ser observadas as contribuições de várias áreas do saber, do saber-fazer, do poder-fazer e do gostar-de-fazer, consubstanciadas em milhares de horas de trabalho voluntário, intergeracional e multicultural. O trabalho do registo gráfico dos mosaicos da Villa Romana que vai ser apresentado, decorreu em grande parte, sob o sol ardente do mês de Julho desde o ano 2002 a 2008, nos períodos das campanhas arqueológicas. Para dar a conhecer os resultados desses registos gráficos, foi montada esta exposição e a edição de um catálogo nas comemorações do Dia Internacional dos Museus comemorado a 16 de Maio.

Villa Romana recebeu visita de Secretário de Estado A Villa Romana do Rabaçal recebeu a visita do Secretário de Estado do Desenvolvimento Regional, Dr. Rui Baleiras, inserida no âmbito do reconhecimento formal da candidatura da Terras de Sicó – Associação de Desenvolvimento ao PROVERE com a iniciativa “Villa Sicó – programa de valorização económica dos espaços da romanização”. Em causa está um projecto de valorização dos espaços da romanização de Santiago da Guarda (Ansião), Villa Romana do Rabaçal (Penela), Conímbriga (Condeixa) e Cellium (Tomar), através da concretização de projectos públicos e projectos privados, que darão uma nova dinâmica à economia da região de Sicó.

30


VILLA ROMANA DO RABAÇAL

Villa Romana do Rabaçal acolheu Encontro Internacional Durante dois dias, 10 e 11 de Julho, estiveram reunidos na Villa Romana do Rabaçal especialistas de Portugal, Espanha, Alemanha e Itália, a debater a “Ciência e novas tecnologias aplicadas à arqueologia”. Cerca de 35 apresentações divididas por nove sessões temáticas, resultantes da colaboração de várias instituições e pessoas, onde se trocaram experiências e estudos relacionados com esta Villa Romana. Tendo em conta que a Villa Romana do Rabaçal é um importante ponto no eixo da Rota da Romanização definida pela Terras de Sicó, este género de encontros entre especialistas internacionais revelam-se de grande importância, pois permitem avaliar e planear acções futuras de melhoramento e dinamização desta Villa como importante foco turístico da região.

Autarquia assinou Protocolo com Museu Nacional de Arqueologia O Museu Nacional de Arqueologia (MNA) e o Município de Penela assinaram a 10 de Julho, durante o Encontro Internacional sobre Ciência e Novas Tecnologias aplicadas à Arqueologia na Villa Romana do Rabaçal, um protocolo que representa uma oportunidade de maior visibilidade para a região. Nos finais de 2011, princípios de 2012, o MNA receberá nas suas instalações no Mosteiro dos Jerónimos, parte do espólio do museu da Villa Romana do Rabaçal que estará em exposição neste museu durante meio ano. “Villa Romana do Rabaçal, Penela, Portugal 1984-2009: Generosidade da terra e solidariedade dos homens e mulheres”, incluirá peças únicas, mosaicos, moedas, diversos utensílios e artefactos desta Villa, permitindo que os milhares de visitantes do MNA conheçam este importante exemplo do património cultural do concelho e da região.

31


VILLA ROMANA DO RABAÇAL

Rabaçal abriu portas ao mundo internauta “Rabaçal, Aldeia Cultural”, um projecto da autoria de José Gomes , cujo endereço é www.rabacal.net, é uma porta aberta desta aldeia e da freguesia para o Mundo. Recheado dos mais variados conteúdos, desde o seu Património Natural e Histórico, com igrejas, Villa Romana, flora, às empresas sediadas na freguesia, é um site muito completo, que aborda também alguns detalhes do concelho. Com o apoio do Município de Penela, Junta de freguesia do Rabaçal, Associação de Amigos da Villa Romana do Rabaçal e de João Elísio Costa, que reuniu toda a informação e fotografias que preenchem este novo sítio da internet, José Gomes criou este site com o objectivo de dar a conhecer ao mundo todas as riquezas e potencialidades da terra que o viu nascer. Um motivo de orgulho e de elevação da auto-estima dos habitantes do Rabaçal, sendo um exemplo de dedicação e de quem muito orgulho tem nas suas raízes.

Museu do Rabaçal convida crianças a conhecerem os romanos com Ateliês de Mosaico Com o objectivo de promover desde muito cedo uma crescente sensibilização para a valorização e protecção do Património Histórico e Arqueológico entre os mais novos, o Museu da Villa Romana do Rabaçal promove Ateliês de mosaico. O Objectivo é promover o contacto directo com algum material arqueológico, que normalmente se encontra vedado ao público, e de uma forma simples e lúdica dar a conhecer o património romano no concelho de Penela, o público-alvo são grupos de crianças entre os 3 e os 9 anos de idade, que durante cerca de uma hora e meia podem entrar em contacto com a civilização romana, conhecer a Villa Romana do Rabaçal através de uma pequena história contada pelo Guia Virtual – Virtulio e aprender como é que os romanos faziam o mosaico, construindo um mosaico individual e ajudando a praticar a motricidade fina e a identificar formas e cores. Este ateliê terminou com uma visita ao Museu onde os alunos vão à descoberta de um pequeno tesouro deixado pelo escravo Virtulio. Uma moeda com a cunhagem do Rabaçal é o que cada uma das crianças leva de recordação deste pequeno momento entre os romanos, já com cunhagem do Rabaçal! 32


CULTURA

I Encontro Cultura e Religião «Morte e Vida para Além da Morte» Num Serão que levou à total lotação do auditório municipal, o Doutor José Bernardes, da Faculdade de Letras de Coimbra, o Doutor Daniel Serrão, da Faculdade de Medicina do Porto e o Padre Feytor Pinto, da Comissão Nacional da Pastoral da Saúde abordaram o tema «Morte e Vida para Além da Morte» nas suas diferentes perspectivas. Três personalidades católicas de diferentes áreas, que propuseram uma reflexão tendo por base perspectivas diferentes do tema. José Bernardes abordou a sua visão relacionada com a literatura, falando de Gil Vicente e da presença da morte/ imagem da morte na obra deste, a sua representação Artística (literária, pictórica, ...) da morte, do inferno e do paraíso. Daniel Serrão deu a sua visão médica e pessoal da morte, abordando a morte cerebral, o espírito, a relevância do sexo nesta questão, ou seja, o facto dos organismos unicelulares nunca morrerem, enquanto que os organismos complexos como o do Ser Humano, por estar dividido em géneros, marca a sua finitude, logo a morte. O Padre Feytor Pinto abordou o lado religioso da morte, o Homem Contemporâneo; A Cultura da Morte versus a Cultura da Vida; o Inferno versus Paraíso; a preparação para a morte (a nível do catolicismo). Um encontro rico em conversa e troca de experiências sobre uma temática nem sempre fácil de abordar.

Rosando expôs na Sala de Exposições Temporárias De 14 de Março a 11 de Abril do ano passado esteve patente na Sala de Exposições Temporárias do Auditório Municipal de Penela uma exposição de Pintura e Escultura da autoria de Rosando, artista residente no concelho. José Rosando de Sousa, Natural de Lisboa. frequentou os cursos de Pintura, Artes do fogo e Equipamento da Escola de Artes decorativas António Arroio em Lisboa. Desde os tempos de formação escolar se dedicou à pintura como hobby, efectuando diversas exposições colectivas com artistas amadores. Desde o ano de 2002 a 2004, aprofundou e desenvolveu novas técnicas de desenho e pintura, expondo desde então regularmente ao público, fazendo-se representar em colecções particulares, em Portugal, Espanha, Ucrânia e Inglaterra. A novidade nesta exposição foram as Esculturas 10 peças esculpidas em madeira, ferro, pedra e fibra, todas elas em Técnica Mista. 33


CULTURA

Programa “Cena Aberta” da Encerrado para Obras traz várias companhias de Teatro a Penela No âmbito do Programa “Cena Aberta” da Companhia residente no concelho, “Encerrado para Obras”, passaram e lotaram o Auditório Municipal de Penela, inúmeras companhias nacionais. O Programa “Cena Aberta” é um protocolo de intercâmbio entre a Encerrado para Obras e várias companhias teatrais interessadas, que conta com o apoio do Município de Penela. Este intercâmbio tem permitido apresentar no Auditório Municipal uma oferta teatral vasta, variada e de qualidade.

01

01 02 03 04 05 06

02

·· Companhia AL-MaSRAH ·· Companhia de Teatro as Beiras em “Hotel de Província” ·· Companhia de Teatro as Beiras em “LOL.POP” ·· Companhia Trigo Limpo ACERT em “Chovem Amores na Rua dos Matadores” ·· Companhia Trigo Limpo ACERT em “As Botas do Sargento” ·· Companhia Marimbondo em “Música para sem Abrigo”

06

03 04 05

34


CULTURA

Autarquia renovou protocolo com a «Encerrado para Obras» Num dia tão especial como o Dia Mundial do Teatro, celebrado a 27 de Março, a autarquia e a Companhia de Teatro “Encerrado para Obras” renovaram o protocolo de parceria. Este foi um acto simbólico que muito representa para a companhia residente em Penela desde 2007, assim como para o concelho, uma vez que o trabalho da Encerrado tem sido em todo o concelho, com projectos como “Oficina de Malabarismo”, “Encenadores de Palmo e Meio”, “Cena Aberta” e em breve um programa de apoio aos grupos de teatro amador do concelho. O momento foi aproveitado também para a “Encerrado para Obras” apresentar a sua 28ª Produção, “Quesa-me mucho”. A assinatura e reforço deste Protocolo , demonstra a importância do Teatro, como factor de Desenvolvimento do Território.

«Fotoxisto» em exposição na Biblioteca Municipal Depois dos habitantes das Aldeias do Xisto terem fotografado o seu quotidiano diário, o resultado do “Fotoxisto”, foi exposto na Biblioteca Municipal de Penela, numa Exposição Itinerante que percorreu todos os Concelhos da Rede de Aldeias de Xisto até Junho de 2009. Desta exposição fizeram parte também as melhores fotografias tiradas pelos moradores da aldeia da Ferraria de S. João, também inserida na Rede de Aldeias do Xisto. Com esta iniciativa pretende-se contribuir para a preservação da memória das Aldeias de Xisto e para a afirmação da sua identidade, envolvendo a população residente e mostrando a todo o país como as aldeias se vêem a si próprias. Para este projecto foram distribuídas máquinas fotográficas digitais aos habitantes, que assim captaram imagens que mostram a sua perspectiva da aldeia onde residem e todos os aspectos que consideram mais relevantes, desde paisagens a objectos, a retratos ou afazeres. 35


CULTURA

Sessão Solene do 25 de Abril lançou concursos de estradas A Cerimónia de Comemoração do 35º Aniversário do 25 de Abril decorreu no Salão Nobre da Câmara Municipal de Penela, onde foram lançados publicamente os concursos de reabilitação das estradas Municipais entre Alfafar e Podentes e entre Cerejeiras e Fetais Cimeiros. Cerca de oito quilómetros de estradas essenciais para aumentar a mobilidade no concelho. A requalificação destas duas estradas municipais entre Alfafar e Podentes e entre Cerejeiras e Fetais Cimeiros, a primeira orçada em 640 mil euros, a segunda em 722 mil euros, ambas com um prazo de execução de 360 dias, representam oito quilómetros de futuro, financiados em 55%, no âmbito da contratualização da Comissão de Desenvolvimento Regional do Centro com a Comunidade Intermunicipal do Pinhal Interior Norte, onde se inclui o concelho de Penela. A sessão foi aberta de forma especial, com as crianças da casa da criança a cantarem e a mimarem músicas sobre a liberdade.

Encerrado para obras estreou «Quesa-me Mucho» A Companhia de Teatro residente “Encerrado para Obras” estreou em Abril, no Auditório Municipal de Penela, a sua 28ª produção, “Quesa-me Mucho”. Uma peça em que tal como o nome indica, o tema principal é um dos alimentos mais populares em todo o planeta: o Queijo, numa abordagem artística de valorização do Queijo Rabaçal. Inspirada nesse produto endógeno do concelho, “Quesa‐me Mucho”, vai revelando os segredos do queijo num tom essencialmente cómico através de três versáteis “ratos”(actores, músicos, malabaristas) que dão a conhecer, de forma detalhada, o que é o queijo, alguns dos principais tipos de queijo e respectivos métodos de produção em distintos pontos do globo, os diferentes tipos de leite para o fabrico do queijo (não apenas ovelhas, cabras ou vacas, mas também o camelo, o iaque, e outros). Nesta peça também é contada um pouco da história do queijo, passando pelas várias formas de fabrico artesanal e familiar, até à era industrial, em que o queijo passa a ser produzido em quantidades astronómicas para ser ingerido por milhões de pessoas em todo o mundo.

36

Uma peça bastante original e educativa, cheia de animação, humor e muita música que de forma lúdica divulga um produto de grande qualidade, conhecido internacionalmente, o Queijo Rabaçal.


CULTURA

Lançamento da Monografia sobre o Convento de Santo António Aproveitando o decorrer das Festividades do Santo Popular que lhe dá nome, foi lançada a monografia “O Convento de Santo António de Penela” uma obra da autoria de Correia Góis, com o apoio da Câmara Municipal de Penela. Com o cenário da bela e emblemática Capela do Convento de Santo António, Urbano Nunes da Comissão de Festas de Santo António, o Padre Daniel, pároco de Penela, Paulo Júlio, Presidente da Câmara, Mário Nunes e o autor, Correia Góis, apresentaram esta monografia com um significado especial para muitos Penelenses, uma vez que se trata de um documento que ajuda a recordar o passado e a marcar o futuro. O Convento de Santo António, a sua Igreja e o espaço verde envolvente, fazem lembrar outros tempos, o sentido comunitário das gentes, as crenças religiosas e permite conhecer melhor a história do concelho. Nestas festividades destacaram-se também os tapetes de flores construídos por populares

37


CULTURA

IX Festival Nacional de Folclore decorreu no Rabaçal Decorreu nos dias 26 e 27 de Junho, no Rabaçal, o IX Festival Nacional de Folclore, um evento organizado pelo Centro Social e Polivalente do Rabaçal que contou com o apoio do Município de Penela e da Junta de Freguesia do Rabaçal. O Centro Social e Polivalente do Rabaçal, promoveu a 9ª edição do Festival Nacional de Folclore que contou com a presença de quatro ranchos vindo de todos os cantos do País, desde Mantarrota, a Sintra, Viana do Castelo e Lousã. Um momento importante na afirmação da capacidade de fazer das gentes do Rabaçal na dinamização da cultura popular e da etnografia.

Encontros do Pé na Rua Os Encontros do Pé na Rua realizaram-se em Penela entre os dias 14 e 19 de Julho foram cinco dias de animação com Artes Circenses, Teatro, Música, Danças, Artes Plásticas, em formato de Oficinas, concertos, espectáculos de Teatro e Circo, conversas/debates, desfiles, em vários espaços da Vila com a participação de 3 dezenas de artistas nacionais e internacionais e muitos participantes. Promovidos pela companhia de Teatro residente “Encerrado para Obras” com o apoio da autarquia, com o objectivo de dinamizar o centro histórico da Vila de Penela, dando a conhecer modalidades artísticas de rua mais abrangentes aliadas à componente pedagógica. Uma forma de incentivar os participantes à continuidade deste tipo de actividades culturais no concelho. Estes encontros são um verdadeiro exercício de uma “vila criativa”, um conceito que abrange não só o aspecto físico da Vila com equipamentos e espaços de criação, como a própria população que se quer envolvida neste processo de melhoria contínua do concelho. 38


CULTURA

“Com a Arte na Alma”, José Malhoa em Exposição De 4 de Julho a 1 de Agosto a sala de Exposições Temporárias do Auditório Municipal de Penela acolheu a vida e obra de José Malhoa com a Exposição “Com a Arte na Alma”. Uma exposição que deu a conhecer o pintor José Malhoa (28 de Abril de 1855 – 26 de Outubro de 1933) e a forma como viveu. Esta mostra surgiu após um longo trabalho de pesquisa em História e Arte locais, resultando já na publicação de dois livros. Do seu percurso de artista e das suas obras mais representativas, a exposição traça um roteiro para ver e para reflectir com os olhos da alma.

Marionetas subiram ao palco em Penela A parceria com a Marimbondo tem por objectivo divulgar a Arte da Marioneta nas suas variadas vertentes. De 19 a 25 de Outubro o Festival Marionetas ao Centro apresentou uma programação recheada de espectáculos teatrais, exposições e animação de rua, contando com a presença das Companhias S. A. Marionetas, Limite Zero, Pão Mole Criações e Companhia Marimbondo, entre outras.

39


CULTURA

Biblioteca ofereceu contos e chá no Dia da Mulher No âmbito das comemorações do Dia Internacional da Mulher a Biblioteca Municipal de Penela realizou uma sessão de contos para mulheres, acompanhados com chá. Um final de tarde em que as mulheres não faltaram e onde foram presenteadas com belos contos, histórias românticas e menos românticas, mas muito bem ilustradas pelas contadoras Mónica e Sara. “Contos para a Hora do Chá”, foi um momento intimista em que as mulheres ouviram histórias para ELAS, bebendo chá, como se de um convívio de amigas se tratasse. Em paralelo decorreram Oficinas de Origamis e Tangram para crianças e jovens.

José Fanha contou histórias com rimas às crianças O poeta e escritor José Fanha esteve no Auditório Municipal de Penela, no âmbito das comemorações da semana da poesia, promovida pela Biblioteca Municipal, em colaboração com a Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, com o objectivo de promover a leitura e a poesia. Na semana em que se comemorou o dia da árvore, da água, da poesia, José Fanha, poeta e escritor veio contar histórias em forma de poesia às crianças do 1º Ciclo do concelho sobre a natureza e os animais, utilizando, como ele diz, a “musicalidade das palavras como via especialmente eficaz para chegar ao coração do sentido, abrindo assim a porta para a grande festa e o grande mistério da poesia.” Durante cerca de uma hora, este poeta prendeu a atenção de cerca de 200 crianças, que cantaram e rimaram os poemas com José Fanha. Para além de dramaturgo e autor de letras para canções, guionista de televisão e cinema, é autor de histórias e poesia para a infância e tem desenvolvido um trabalho intenso de divulgação de poesia e promoção do livro e da leitura por todo o país. 40


EVENTOS

Feira do Livro teve a presença de Jorge Serafim A Feira do Livro de Penela decorreu de 20 a 26 de Abril de 2009 na Praça do Rossio e recebeu centenas de visitantes, especialmente crianças que se deliciam com os livros e também com as actividades que este espaço proporcionou, desde teatro infantil, hora do conto, apresentações e relançamentos de livros, workshops, etc. O certame apresentou um programa aliciante para todas as idades, sendo de realçar a presença do conhecido contador de histórias Jorge Serafim que, durante o decorrer da Feira do Livro, por lá esteve a contar histórias. Jorge Serafim, um dos mais conhecidos humoristas e contadores de histórias da actualidade, passou também pelo Auditório Municipal de Penela para uns “Contos ao Serão”, no âmbito das comemorações do dia mundial do Livro.

“Penela História e Arte” reeditado Passados mais de 25 anos do seu lançamento, o Município de Penela reeditou, a monografia de Salvador Dias Arnaut e Pedro Dias, “Penela História e Arte”. No dia 25 de Abril, em jeito de homenagem a todos os seus autores e a todos os Penelenses, num novo tempo em que os valores e as razões presentes aquando da primeira edição, continuam a fazer sentido, o Município de Penela relançou a monografia na presença do neto de Salvador Dias Arnaut, Manuel Arnaut. A reedição da obra “Penela História e Arte” traz paisagens mais actuais do concelho, não alteradas ou transfiguradas, mas sim, melhoradas, em jeito claro de território em busca incessante de desenvolvimento. Um livro importante que permite a quem o folheia, viajar por entre os castelos de Penela, e as suas mais belas paisagens naturais e riquezas históricas. 41


EVENTOS

Última edição da Feira dos Produtos Endógenos e Gastronomia A Feira dos Produtos Endógenos e Gastronomia decorreu de 24 a 26 de Abril, por onde passaram algumas centenas de pessoas para provarem as delícias da gastronomia da região. A acompanhar a gastronomia estiveram cerca de 35 expositores com artesanato regional e nacional e produtos endógenos e agricultura. Como nota maior desta iniciativa regista-se a capacidade de envolvimento das associações e Freguesias na organização e dinamização da respectiva tasquinha.

42


EVENTOS

Espinhal recebeu mais um Campeonato Regional Equestre O Espinhal recebeu mais uma etapa do Campeonato Regional Equestre, numa iniciativa da E.Espinhal Associação com o apoio do Município de Penela e da Junta de Freguesia do Espinhal. Sob a bela paisagem da Serra do Espinhal, o campo do Calvário acolheu muitos amantes da modalidade e cavaleiros. A realização desta prova, considerada por muitos, como uma das melhores e mais bonitas do Campeonato, foi um sucesso, com cerca de 54 cavaleiros divididos por três tipos de provas. Esta prova que se afirma cada vez mais no Campeonato Regional, contou ainda com a colaboração do Centro Hípico da ADFP de Miranda do Corvo e dos Bombeiros Voluntários de Penela.

«Fofinhos de Penela» vencedores do III Concurso Doce de Sicó O III “Concurso do Doce Regional de Sicó”, que se realiza no âmbito da Feira dos Produtos Endógenos e Gastronomia, teve a participação de 14 concorrentes que primaram pelo notado acréscimo na qualidade e apresentação dos Doces, segundo Ricardo Santos, Professor da Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra, membro do júri Esta iniciativa lança o desafio à criação original de um doce ou bolo confeccionado com base nos produtos endógenos do concelho (noz, mel, vinho e queijo do rabaçal ou seus derivados), pensando numa futura comercialização como doce regional. VENCEDORES: 1º Prémio: Maria de Lurdes Santinho com “Fofinhos de Penela” 2º Prémio: Rosa Maria Loureiro com “Sicó Chícharo e Noz” 3º Prémio: Curso Sócio-educativo de Pastelaria da Cumieira com “Moinho de Vento”

43


FEIRA MEDIEVAL

Feira Medieval recebeu milhares de visitantes De 22 a 24 de Maio o Centro histórico e o castelo de Penela receberam a Feira Medieval, uma organização conjunta do Município de Penela com o Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro e a Associação de Pais e Encarregados de Educação. A Feira começou na sexta-feira, ao final do dia com a Ceia das três Culturas e três Credos, que juntou cerca de duas centenas de pessoas na Praça da República, para provar as iguarias árabes. Durante toda a refeição a animação foi uma constante, com a celebração de um casamento árabe, a festa fez-se com danças do ventre, danças medievais, os bem-humorados bobos, encantadores de cobras e muita música, terminando a noite com um magnífico espectáculo de fogo. No Sábado Penela viveu no século XI, o Domínio de D. Sesnando, abrindo a feira com o cortejo de armas, que se fez da praça da república ao castelo terminando na praça da república novamente, para os treinos de combate e adestramento de falcões e águias. Mais uma vez a animação foi muita e por toda a zona do centro histórico da Vila, desde a praça da república até à Porta da Vila, terminando na Porta da Traição. A noite de sábado terminou com o já conhecido assalto ao castelo e cerco leonês que atraiu centenas de pessoas para um espectáculo cheio de lutas e humor. No Domingo a Feira abriu mais cedo, por volta do meio-dia já se ouviam os tambores a rufar e o sopro das gaitas de foles. Neste dia vive-se o Reinado de D. Afonso Henriques, mais uma vez com cortejos que encheram a Praça da República de pessoas que encantadas assistiram aos espectáculos. À noite a Feira encerrou com mais um belíssimo espectáculo da Companhia Teatral Viv’Arte, responsável por todas as recriações e animação desta Feira, que no final de mais uma edição da Feira Medieval, apresentou o espectáculo “Zaida”, mais uma bela recriação de uma lenda, com inúmeros efeitos pirotécnicos. A realçar também a participação do Grupo Choral Poliphonico João de Deus que participou nesta Feira Medieval como as Vozes Sacras “Labor Omnia Vincit”, que trajados a rigor entoaram canções e orações da época, um belíssimo espectáculo que bem representou a prata da casa. Esta edição que foi marcada pela mudança da Feira Medieval do interior do Castelo para o Centro Histórico da Vila, foi considerada melhor e mais atraente, uma vez que aproxima a feira da população e do comércio da Vila, trazendo mais-valias a todos, tornando este um modelo a seguir no futuro. 44


EVENTOS

Feira do mel comemorou 20 anos muito doces! A Feira do Mel comemorou os seus 20 anos com cerca de 40 apicultores. A satisfação dos produtores era grande, pois não só este é um ano de muito mel, como a qualidade deste é bastante boa, o que se revelou nas vendas. O Presidente da Entidade Regional de Turismo do centro, Pedro Machado esteve presente na cerimónia de abertura louvando este produto, não só como uma marca do concelho, como também uma referência para a região e país. A continuidade da apicultura depende muito dos jovens e do seu interesse por esta arte, nesta edição da feira do mel, já estiveram presentes alguns destes jovens que começam agora a iniciar-se nesta actividade. Dada a importância deste recurso endógeno, a autarquia, através da Adxtur apresentou candidatura ao PROVERE, onde estão incluídos projectos ligados ao mel, que agora obtiveram financiamento e que poderão ter início nos próximos anos, tal como o Centro de Recolha do Mel e a Casa da Cultura e Museu do Mel. Em jeito de agradecimento e homenagem a todos os apicultores que participaram e contribuíram para a realização destas 20 edições de Feira do Mel, fez parte deste certame a Exposição «20 anos da Feira de Mel», que pretendeu relembrar o percurso do certame nestas duas décadas.

45


FAGRIP / S. MIGUEL

01

02

FAGRIP mostrou vitalidade do concelho A abertura das Festas de S. Miguel foi feita com a inauguração da FAGRIP – Feira Agrícola, Comercial e Industrial. Uma cerimónia que contou com a presença do Presidente da ACIC, Dr. Paulo Mendes e do Presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro, Dr. Pedro Machado.

03

No recinto da FAGRIP estiveram cerca de 80 expositores, desde empresas do concelho e fora do concelho até aos produtos endógenos, o mel, o vinho da região de Sicó, o queijo e as nozes, as associações e outras instituições de relevância no concelho.

04

46

Por estes dias em Penela o principal objectivo foi festejar a identidade deste território, por isso, neste evento destacou-se o que de melhor o concelho tem, os produtos endógenos, o património histórico e natural, com acções e actividades que promoveram uma Penela mais Empreendedora.

01 02 03 04

·· Concerto dos Decibel Zero ·· FAGRIP ·· Visita inaugural à FAGRIP ·· Concerto dos Táxi


FAGRIP / S. MIGUEL

Desfile de Moda atraiu centenas ao Pavilhão Multiusos Um dos pontos altos do primeiro dia das Festas de S. Miguel foi a realização do Desfile de Moda. Organizado pela Câmara Municipal de Penela, em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Coimbra (ACIC), o evento contou com a presença dos “Morangos” Pedro Rodil e Eva Barros. A acção teve como objectivo promover o comércio local, contando com a participação de oito estabelecimentos comerciais de todo o concelho, demonstrando a capacidade empreendedora, o dinamismo comercial. Um desfile que se enquadrou nas acções de dinamização do comércio tradicional, promovidas pela ACIC, em parceria com a Câmara Municipal de Penela e financiadas pelo Ministério da Economia e da Inovação, no âmbito Sistema de Incentivos a Projectos de Modernização do Comércio (MODCOM).

47


SESSÃO SOLENE DO FERIADO MUNICIPAL

Medalhas de Mérito

e de fazer dos homens e mulheres do concelho de Penela, a Sociedade Filarmónica Penelense é credora da Medalha de Honra de Prata do Município de Penela.

No dia em que todos os Penelenses comemoram o Dia de S. Miguel, Dia do Município, 29 de Setembro, na Sessão Solene que se realizou no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a autarquia homenageou quatro instituições que desenvolvem a sua actividade no município, atribuindo-lhes medalhas de mérito pelo seu trabalho na comunidade:

Centro Social e Polivalente do Rabaçal – Medalha de Mérito Cultural A história do Centro Social Polivalente do Rabaçal confunde-se com a do seu Rancho Folclórico. Criado em 1976, o Centro Social dispensou todas as suas energias, desde o primeiro momento, à criação e manutenção do Rancho Folclórico do Rabaçal, num exercício de dedicação que é digno de registo, desde logo, se atentarmos que estamos numa freguesia com apenas 400 habitantes.

Casa de Beneficência Conselheiro Oliveira Guimarães – Medalha de Mérito Social Propriedade da Fundação Conselheiro António de Oliveira Guimarães, a Casa de Beneficência Conselheiro Oliveira Guimarães foi criada em 20 de Fevereiro de 1946 tendo como objectivo primordial dar apoio social a pessoas idosas.

Também por isso, o Centro Social Polivalente do Rabaçal personifica a capacidade que o movimento associativo possui para desenvolver projectos arrojados tendo como principais aliados as populações em que se insere.

Desde a sua fundação que vem desenvolvendo um importante papel de suporte aos idosos mais desfavorecidos, primeiro através do respectivo Lar de Idosos, alargando depois a sua acção à valência de Centro de Dia e, mais recentemente, ao Apoio Domiciliário, valência que privilegia a prestação de diversos serviços de apoio ao idoso, nomeadamente alimentação, em contexto domiciliário, possibilitando assim que o beneficiário possa continuar na respectiva residência mantendo todas as referências que o acompanharam ao longo da sua vida.

Ao longo destes mais de 30 anos de existência sempre soube manter a regularidade do seu funcionamento, demonstrando uma pouco frequente capacidade de constante rejuvenescimento doseu tecido social, com a particularidade de os mais novos rapidamente absorverem os princípios e os conceitos dos mais veteranos, garantindo assim a continuidade da obra para além das pessoas. Graças a esta enorme capacidade de fazer com que o resultado seja muito mais do que a soma aritmética das partes, o Centro Social Polivalente do Rabaçal é um contribuinte líquido para a elevação da auto-estima das pessoas da freguesia do Rabaçal e do Concelho de Penela, tornando-se assim um importante agente do desenvolvimento que todos desejamos para o nosso Município e para a nossa região.

Colaborou ainda com o município no fornecimento de refeições às crianças do Jardim de Infância do Espinhal, contribuindo assim para o crescimento saudável dos mais novos. Durante algumas décadas foi o único equipamento de apoio aos idosos, principalmente aos mais desfavorecidos, da freguesia, do concelho e da região centro, constituindo uma referência que perdurou até aos nossos dias sob a designação de Casa dos Pobres.

02

O papel assistencial que desenvolveu ao longo destes mais de 60 anos, agora reforçado com as novas valências que os tempos contemporâneos exigem, a Casa de Beneficência Conselheiro Oliveira Guimarães é credora do Mérito Social do Município de Penela.

48

01


SESSÃO SOLENE DO FERIADO MUNICIPAL

Cáritas Diocesana de Coimbra – Medalha de Mérito Social Associação Cultural e Recreativa de Podentes – Medalha de Mérito Desportivo

De delegação informal da Cáritas Portuguesa, que recolhia crianças austríacas, refugiadas das convulsões políticas e militares europeias, na transição da década de 40 para a década de 50 e que distribuía géneros até ao final dos anos 60 do século passado, a Cáritas Diocesana de Coimbra é actualmente responsável por uma obra social que abrange 266 paróquias em 26 concelhos de 5 distritos (Coimbra; Leiria; Santarém; Aveiro e Viseu) num total de mais de um milhar de pessoas.

Constituída em 1979, a Associação Cultural e Recreativa de Podentes foi a sucessora de uma Comissão de Melhoramentos que, embora nunca tenha tido existência legal, foi a entidade que procedeu à construção do edifício que é hoje a sede da associação e o centro cultural daquela sede de freguesia. Com uma incursão no teatro amador, a Associação Cultural e Recreativa de Podentes veio a afirmar-se ao longo dos seus 30 anos de existência pelo seu desempenho no campo desportivo, nomeadamente no âmbito do Futebol, modalidade que mantém em actividade, participando no Campeonato Distrital do INATEL.

A partir dos finais da década de 60, a Cáritas multiplicou os campos da sua intervenção social em áreas como a animação pastoral das comunidades, a promoção comunitária, a alfabetização, a saúde, a acção social com crianças, jovens, idosos, mulheres em risco, migrações, etnias, etc.

De cariz eminentemente popular, esta colectividade é um exemplo de perseverança e de capacidade de fazer, proporcionando anualmente a algumas dezenas de jovens uma prática desportiva em que prevalece o verdadeiro espírito desportivo capaz de gerar um conjunto de laços afectivos com a grande maioria dos elementos das equipas que defronta.

O concelho de Penela orgulha-se de integrar esse imenso território geográfico e humano onde a Cáritas Diocesana de Coimbra desenvolve a sua acção desde o ano de 2002, abrangendo 2 níveis etários com enquadramentos sócio-culturais e necessidades bem distintas: as crianças e jovens dos 2º e 3º ciclos do ensino básico da Escola Básica Integrada Infante D. Pedro e a terceira idade que beneficia da acção do Centro de Dia e do Apoio Domiciliário na freguesia de Cumieira.

Demonstrada elevada capacidade mobilizadora, numa freguesia com baixa densidade populacional, realiza anualmente um torneio de futsal que, para além de representar uma fonte de receita, constitui um evento que atrai a Podentes um elevado número de visitantes.

Com uma acção que se rege pelos valores da humanização, do profissionalismo, do compromisso, da transparência, da caridade, da universalidade e da criatividade, a Cáritas Diocesana de Coimbra é hoje uma instituição que, pela acção social que desenvolve, é credora do Mérito Social do Município de Penela.

Pelo papel de dinamizador social da freguesia, através da realização de múltiplas actividades de cariz recreativo, cultural e desportivo, a Associação Cultural e Recreativa de Podentes é credora do Mérito Desportivo do Município de Penela.

03

49

04


SESSÃO SOLENE DO FERIADO MUNICIPAL

Comandante da GNR de Penela recebe Louvor Neste dia de homenagens foi ainda entregue um Louvor ao Sr. Comandante do Posto da GNR de Penela, Fernando Maduro pelo excelente trabalho realizado em prol dos penelenses. No período que desempenhou funções neste Posto, são de realçar a lealdade, competência e dedicação, bem como o empenho manifestado em várias acções revelando conhecimento da realidade relativo à segurança pública, contribuindo assim para o sucesso alcançado na importante área da Protecção Civil Concelhia. No exercício das suas funções, são de destacar a lealdade, o sentido de dever e responsabilidade que caracterizaram a sua actuação, não se escusando nunca a apoiar os vários eventos levados a efeito, dos quais se destacam a feira Anual de S. Miguel / Fagrip, a Feira do Mel, “Penela-Presépio”, entre outros que exigiram uma participação activa e responsável por parte das autoridades locais. Participou e promoveu algumas campanhas de sensibilização, informação e aconselhamento junto da população do concelho, destacandose a acção “Burlas a Idosos”, em que fez questão de efectuar várias acções com a população por todas as freguesias, e principais lugares do concelho, dado tratar-se de um grave problema actual mais sentido nos meios rurais. Também pelas suas qualidades humanas e éticas, a sua prontidão e disponibilidade, garantem que o Sargento Ajudante Fernando Maduro é merecedor de distinção através da atribuição de um voto de louvor, pelo Presidente e restante executivo do Município de Penela. .

50

01 02 03 04 05

·· Medalha de Mérito Social - Casa de Beneficência Conselheiro Oliveira Guimarães ·· Medalha de Mérito Cultural - Centro Social e Polivalente do Rabaçal ·· Medalha de Mérito Desportivo - Associação Cultural e Recreativa de Podentes ·· Medalha de Mérito Social - Cáritas Diocesana de Coimbra ·· Voto de Louvor - Comandante do Posto da GNR de Penela

05


PENELA PRESÉPIO 09

Penela Presépio, um Mundo de Fantasia O PENELA PRESÉPIO abriu portas do seu Mundo de Fantasia a 12 de Dezembro, recebendo milhares de pessoas até 3 de Janeiro. Este evento, que vai na sua terceira edição, já levou o nome de Penela a todo o país. O Penela Presépio surgiu para dar resposta ao Inconformismo e Capacidade de Realização dos Penelenses, uma forma de demonstrar que apesar de estar no interior, Penela tem muito para dar e os Penelenses são prova disso com a sua capacidade de realizar e a sua criatividade. O Penela Presépio é também um evento solidário, pois todas as suas receitas reverteram para o pelouro da acção social, para recuperação de habitação degradada de famílias carenciadas. Alegria, cor, música e muita animação foram as palavras de ordem no Penela Presépio deste ano com muitas novidades, como a Aldeia da Fantasia, a Praça da Brincadeira, o Festival de Sopas e Sabores de Sicó e a mostra Musci, a juntar ao maior presépio animado de Portugal da autoria de Jaime Roxo e ao Presépio Vivo que recria a época do nascimento de Jesus Cristo. Neste evento há ainda a destacar o magnifico Presépio Tradicional do Espinhal, este ano instalado na Casa da Quinta do Castelo, propriedade da Família Oliveira Guimarães. Este Presépio foi construído por artesãos do Espinhal, o Sr. Zé Antero e o Sr. Rosando, assim como de muitos outros espinhalenses que não quiseram deixar de participar. Este evento integra-se na estratégia de atractividade dos destinos turísticos, sendo considerado um factor de diferenciação positivo.

51


MERCADO DO QUEIJO RABAÇAL

Mercado do Queijo Rabaçal Alguns milhares de pessoas passaram no dia 25 de Abril pelo Mercado do Queijo Rabaçal e dos Romanos, na Villa Romana do Rabaçal. Com tanto à disposição os visitantes tiveram a oportunidade de ouvir José Quitério falar da gastronomia da região e em especial do “Rei” deste dia, o Queijo Rabaçal. Por entre romanos, queijo, vinho terras de sicó, azeite do sicó, nozes, mel e artesanato não faltaram visitantes satisfeitos e ansiosos para que o certame se repita. Com esta iniciativa pretendeu-se associar os produtos endógenos ao património histórico, enquanto recursos de inegável potencial no processo de desenvolvimento económico, social e cultural do Município. Um objectivo plenamente atingido se considerarmos que os 4 mil e quinhentos visitantes quase esgotaram o stock dos produtores/expositores presentes.

52


EDUCAÇÃO

Crianças do concelho aprenderam música em AulaConcerto Com o propósito de estimular e incentivar a musicalidade nas crianças do préescolar e 1º ciclo do concelho, a autarquia promoveu no auditório municipal, uma Aula-Concerto com o Quinteto de Cordas da Orquestra Didáctica da Foco Musical. Composto por 1º violino, 2º violino, violeta, violoncelo e contrabaixo, interpretou, durante cerca de uma hora, canções tradicionais infantis com arranjos eruditos, tais como “Atirei o pau ao gato”, “Fui ao Jardim da Celeste”, “Doidas, doidas, doidas andam as galinhas” e “As pombinhas da Cat’rina”. Ao longo da sessão houve uma narradora/animadora que foi desmontando a linguagem musical utilizada, educando a audição das crianças para a música, apresentando-lhes os instrumentos e a sua função, demonstrando-lhes também algumas técnicas que foram aplicando ao longo da sua actuação. A interacção foi muita, gerando interesse e motivação entre as crianças, que após cada música tocada pelo Quinteto de Cordas, além de identificar o tema, ainda decifravam qual dos instrumentos fazia a melodia de cada música e assim iam descobrindo também as técnicas que os músicos iam utilizando para fazer sons engraçados, como os Pizzicatos, técnica de tocar com os dedos médio e indicador nas cordas do instrumento. Esta acção pretende levar a música aos mais novos, pré-escolar e 1º ciclo, dando a conhecer as novas correntes e orientações metodológicas afectas à pedagogia musical. Uma iniciativa que comprova a estratégia educativa desta autarquia que continua a sua aposta na “Educação para a Excelência”.

Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro premiado pela Fundação Montepio O Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro de Penela recebeu a 18 de Março de 2009, pela mão da Dra. Maria Cavaco Silva, um prémio atribuído pela Fundação Montepio. O prémio, no valor de 25 mil euros, foi entregue no âmbito da primeira edição do Prémio Escolar Montepio, lançado em 2008, que tem como objectivo contribuir para o aumento da qualidade do ensino em Portugal e reconhecer o esforço realizado pelas escolas na melhoria dos resultados escolares. A Fundação convidou as 50 escolas que, nos últimos três anos, mais melhoraram os resultados dos exames do 9º ano, a apresentar projectos, tendo recebido 21 candidaturas. O Prémio distinguiu a qualidade do projecto “A Educação é Fundamental na Transmissão do Conceito de Empreendedorismo”, e o empenhamento da equipa docente na sua concepção e apresentação. Esta Cerimónia de entrega de prémios escolares Montepio decorreu em Lisboa, contando com a presença do Professor David Justino, Dra. Isabel Alçada, Professor Nuno Crato, Dr. Guilherme Valente, Dr. Henrique Monteiro e Professor José da Silva Lopes, todos membros do Júri deste prémio.

53


EDUCAÇÃO

Semana da Natureza e da Poesia Quatro centenas de crianças do pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, a CerciPenela, Casa da Criança e ETP Sicó participaram na “Semana da Natureza e da Poesia”, acção promovida no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Árvore, Dia Mundial da Poesia e Dia Mundial da Água. As actividades decorreram no Monte de Vez e no Calvário situado na Vila do Espinhal. Com visitas marcadas ao tradicional moinho e ao Parque eólico situados no Monte de Vez, mostrando às crianças a importância do vento, utilizado para fazer farinha para o pão que diariamente comem, assim como para a produção de energia eléctrica que chega às suas casas. No Espinhal, junto ao Calvário as crianças plantaram árvores, contribuindo para reflorestação da Serra do Espinhal. Defender o Ambiente, mais do que melhorar a qualidade de vida presente é garantir o futuro, e considerando que a defesa do meio ambiente começa pelos mais novos a Câmara Municipal promove estas acções de educação ambiental, aliando a brincadeira ao conhecimento, sempre com uma grande componente de sensibilização. 54


EDUCAÇÃO

Casa da Criança visitou Centro Hípico de Miranda do Corvo As crianças da Casa da Criança visitaram o Centro Hípico de Miranda do Corvo. Uma visita inserida no Projecto “Cavalos”, em que o objectivo era explicar às crianças dos 4 aos 5 anos, algumas coisas sobre cavalos. Nesta visita tiveram a oportunidade de conhecer o Centro Hípico e de visitar a Quinta Biológica.

Feira do Empreendedor Júnior sob o lema “Empreendedores Vamos Construir Um Mundo Melhor!” A segunda edição da Feira do Empreendedor Júnior teve como lema “Empreendedores Vamos Construir Um Mundo Melhor!”, contando com a participação de todos os alunos das escolas do 1º ciclo que aderiram ao projecto de Empreendedorismo nas Escolas. Nesta edição os alunos apresentaram duas vertentes distintas de ideias, negócios e projectos que prepararam durante cerca de quatro meses. Um grupo de alunos apostou mais na vertente da criação, preparação e planeamento de um negócio com grande aposta nos Recursos Locais das Terras de Sicó, Rabaçal, Espinhal. O outro grupo, mais vocacionado para os Projectos com uma forte aposta no Empreendedorismo Sustentável, apresentou produtos executados com materiais reciclados e projectos que têm como objectivo “Que a Consciência de todos Brote, Florescendo num Mundo Mais Sustentável!” Um Evento Único em que a Atitude Empreendedora e Dedicação das Professoras e dos 150 alunos do 1º Ciclo do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro surpreendeu quem neste dia passou pelo Mercado Municipal de Penela. 55


EDUCAÇÃO

Festival Orff levou duas turmas do 1º ciclo ao Coliseu O primeiro Festival Orff de Penela, uma organização dos Professores de Música das AEC’s com o apoio do Município de Penela e da Edutec,teve como objectivo que os alunos concretizassem os conhecimentos vividos e desenvolvidos durante as aulas realizadas no âmbito da disciplina de Expressão Musical. No 1º Festival Orff de Penela participaram 6 turmas, sendo seleccionadas para representar Penela no Festival Foco Musical no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, a EB1 do Espinhal com o tema “ Hino da Alegria” e a turma da EB1 de Penela com o tema “O Sol Brilha”. No Festival Foco Musical, que decorreu no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, as 31 crianças do Agrupamento de Escolas de Penela, sob a direcção dos professores Bruno e Andreia, colocaram em prática os ensinamentos adquiridos nas aulas. Concorrendo com outras instituições, os “Jovens Músicos” de Penela não se intimidaram com uma das mais emblemáticas salas de espectáculos do País e fizeram uma actuação memorável, para grande satisfação dos pais e de todos os acompanhantes. Todas estas crianças e pais estão de parabéns!

56


EDUCAÇÃO

Dia da Criança e Ambiente O Dia Mundial da Criança e Ambiente comemorou-se no Parque de Lazer da Quinta da Cerca, Espinhal, uma organização do Município de Penela com o apoio da MaxPortugal, GesEntrepreneur, Edutec, ETPSicó, Federação internacional de yoga e ”Girassol – geramos energia”. Quatro centenas de crianças do pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico, do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, da CerciPenela e da Casa da Criança, participaram em inúmeras actividades sobre o tema: “Bem Te Quero Ambiente!” Os alunos do 1º Ciclo e da CerciPenela tiveram oportunidade de conhecer diversos tipos de cozinhas solares e ainda provar os cozinhados. Os mais pequeninos do pré-escolar estiveram nas “Olimpíadas infantis”: modelagem de balões, pinturas faciais, jogos tradicionais, experiências laboratoriais, tendo sempre por base o lema destas comemorações. Todos puderam ainda assistir à Peça de teatro interpretada pelos alunos da ETPSicó e participar numa sessão de Yoga para crianças, através de posturas imitando os animais, brincadeiras de auto-confiança, respiração e relaxamento. A dança foi outra grande presença nesta iniciativa, com aulas de Hip Hop a nova paixão das crianças, e com o boneco Pirolito que dançou e animou todas as presentes. Uma manhã de grande animação, cor e alegria para todas as crianças que participaram nestas actividades do Dia Mundial da Criança e Ambiente, sempre com o espírito do desenvolvimento sustentável.

57


EDUCAÇÃO

4º Fórum Educação debate futuro da educação no concelho e em Portugal A 4.ª edição do Fórum de Educação que decorreu a 7 e 8 de Setembro contou com a presença de mais de uma centena de professores e agentes educativos do concelho para debater a Educação no concelho, o funcionamento das escolas e os seus projectos para o futuro. Este Fórum tem como principal objectivo sensibilizar a comunidade escolar para a realidade social e económica do concelho, de forma a que desde logo se sintam integrados em Penela.

01

Sendo a Educação um dos Pilares fundamentais no desenvolvimento do concelho, este Fórum pretendeu ser um momento de reflexão sobre a actual situação do ensino no País e no concelho, abordando temas como o “empreendedorismo nas escolas”, a Educação Ambiental, o ensino universitário, o novo processo de Bolonha e cursos alternativos. Com esta iniciativa, o Município pretende reforçar o princípio do diálogo e da análise descomprometida dos problemas enquanto instrumento necessário para o envolvimento de toda a comunidade nas acções de melhoria que sejam implementadas

03

02

04 05 01 02 03 04 05

58

·· 1º Painel “Penela – Inovação aplicada à Educação” ·· Auditório do Fórum Educação ·· Recepção aos Professores no Salão Nobre da Câmara Municipal de Penela ·· 3º Painel “A Universidade – Que papel para a Educação?” ·· 4º Painel “Que nova Educação para Portugal?”


EDUCAÇÃO

02 01

II Gala Anual de Educação premiou 47 alunos de mérito Na segunda edição da Gala Anual de Educação Crédito Agrícola, o Pavilhão Multiusos encheu para aplaudir os 47 melhores alunos do concelho distiguidos com o prémio de mérito escolas do Município. Numa cerimónia que contou com a presença de representantes da Universidade de Coimbra e do patrocinador da Gala Crédito Agrícola, as palavras que mais se ouviram foram mesmo de motivação a todos os alunos do concelho.

03

04

Com a “educação para excelência”como mote, ficou claro nesta cerimónia que é necessário unir toda a comunidade e as escolas de maneira a que no futuro o número de alunos de mérito seja cada vez maior. Nesta Gala, organizada pelo Município de Penela conjuntamente com o Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, ETP Sicó Pólo de Penela e a Crédito Agrícola foram ainda premiados os alunos que se destacaram no Desporto Escolar, obtendo o primeiro lugar em diferentes modalidades como natação, atletismo, etc. A Cerimónia terminou com a intervenção da Dra. Maria José Azevedo, representando o magnífico reitor da Universidade de Coimbra, que deu os parabéns à iniciativa, uma vez que é um importante incentivo para toda a comunidade escolar e uma mais-valia para o concelho que incentiva os seus jovens a formarem-se com qualidade e excelência.

05

Mais uma iniciativa diferenciadora que reforça a importância da Educação para o desenvolvimento do território. 01 02 03 04 05

·· Grupo dos 47 alunos de mérito do Concelho premiados ·· Actuação da turma da EB1 do Espinhal ·· João Barreto, aluno de mérito premiado ·· Alunos premiados pela escola na área do Desporto Escolar ·· Vista geral

59


EDUCAÇÃO

Alunos da ETP Sicó Empreendedores por 1 Dia No âmbito do projecto “Penela – empreendedorismo nas escolas” realizou-se a actividade “Empreendedor por 1 Dia”, envolvendo 3 turmas da Escola Tecnológica e Profissional de Penela. Durante a manhã, os alunos andaram pelo Mercado Municipal de Penela, aproveitando ser dia de “feira”, a desenvolver mini-negócios. Esta é uma experiência eminentemente prática que consiste no desenvolvimento de um mini-negócio em contexto real, onde os alunos tiveram a oportunidade de serem empreendedores. Este projecto realiza-se pelo 3º ano consecutivo e envolve alunos em todos os níveis de ensino desde o 1º ciclo ao ensino profissional, com o objectivo de desenvolver nos jovens uma atitude positiva e de participação cívica, assim como o espírito empreendedor e inovador que contribuirá para o desenvolvimento do Concelho.

60


EDUCAÇÃO

Penela 100%, autarquia desafia os mais jovens do concelho Foi apresentado a 10 de Fevereiro o Concurso Penela 100%!, um desafio lançado pela autarquia e pelo Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro aos alunos dos 8.º e 9º anos, e dos Cursos de Educação e Formação. Mais de 100 alunos estiveram presentes no Salão Nobre da Câmara Municipal, onde assistiram à “aula” que o Presidente da Câmara deu sobre o concelho de Penela. Sobre o passado, o presente e o futuro, assim como de toda a estratégia de desenvolvimento da autarquia em redor da identidade do concelho enquanto elemento diferenciador da maior importância. Patrícia Valinho e Pedro Pedrosa, dois jovens investidores que decidiram criar o próprio negócio no concelho e quiseram também mostrar aos alunos, o valor e potencialidades deste território. O Penela 100% ! é um Concurso de ideias que pretende desafiar os alunos a imaginarem que poderiam mudar o rumo do concelho e o que proporiam para o melhorar, quais os projectos, as ideias, convidando-os a usar a criatividade e a pensarem no concelho de Penela em 2020. Os prémios, esses são aliciantes, sendo o primeiro uma viagem a Omersson-sur-Marne, cidade francesa mesmo ao lado de Paris.

61


EDUCAÇÃO

Biodiversidade saiu à rua no desfile de Carnaval em Penela As crianças da CerciPenela, da Casa da Criança, dos Jardins-de-infância e das Escolas Primárias do Concelho desfilaram a 11 de Fevereiro, pelas principais artérias da Vila de Penela, brincando ao Carnaval com as dezenas de pessoas que os aguardavam. A cor e a boa disposição invadiram as ruas de Penela com o cortejo infantil de Carnaval das crianças do Concelho que desfilaram fatos por eles confeccionados com materiais reutilizáveis e reutilizáveis. Este ano a temática era a Biodiversidade, aproveitando o facto de 2010 ser Ano Internacional da Biodiversidade. Polvos, abelhas, plantas, cães, girafas, oceanos e outros tantos motivos andaram pelas ruas de Penela a apelar à diversão, mas também à consciência de cada um. O Carnaval é uma das festas em que a folia, animação e alegria marcam presença. O desfile de carnaval das crianças de Penela, é já uma tradição que leva dezenas de pessoas às ruas e sem dúvida uma forma de expressão em constante evolução pela utilização de materiais recicláveis e reutilizáveis. A organização, da responsabilidade da Câmara Municipal de Penela, da CerciPenela e do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro visa, tal como nos anos anteriores, promover o meio ambiente.

Alunos do 1º Ciclo aprenderam música O Município de Penela promoveu uma aula-concerto com o Quinteto de Sopros da Foco Musical, que decorreu no Auditório Municipal de Penela. O evento destinou-se aos alunos do ensino pré-escolar e do 1º Ciclo do Ensino Básico (AEC), mas contou também com a presença de crianças dos Jardins e da Casa da Criança. O objectivo do concerto foi a sensibilização e interacção das crianças com a música orquestral, despertando vivências e estímulos sensoriais únicos através da audição in loco de instrumentos de sopro de orquestra que não fazem parte do senso comum das crianças. Ao longo da sessão foi feita uma desmontagem da linguagem musical, por um animador que, de uma forma lúdica, facilitou a abordagem a obras que vão do carácter mais erudito (J.Strauss, L.V. Beethoven) ao mais tradicional (de diferentes zonas do globo), passando pela música contemporânea (DJ Delmundo). O Ensemble de Sopros é uma das actividades que integram o projecto “Crescer com Música”, resultante de uma parceria entre o Município de Penela e a EduCoach. 62


EDUCAÇÃO

Agrupamento de Escolas de Penela promoveu Corrida Solidária O Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, com o apoio do Município de Penela organizou no dia 10 de Março, a Corrida Solidária, uma proposta dos Médicos do Mundo para fomentar a consciência sobre a solidariedade entre os mais jovens a favor da Educação para o desenvolvimento e da Saúde. A Corrida Solidária tem como objectivo fomentar a consciência sobre a solidariedade entre os mais jovens, promovendo a Educação para o Desenvolvimento e a Saúde, demonstrando a importância da sua participação e capacidade para mudar situações de injustiça mundial. Metade dos fundos angariados com esta Corrida Solidária serviu para apoiar o projecto de Médicos do Mundo em Timor-Leste, “Comunidade Saudável”, que abrange cerca de 128.000 pessoas dos distritos de Lautem e Viqueque, beneficiando principalmente crianças menores de 5 anos de idade, mulheres grávidas e mães que vivem nas regiões mais remotas e com dificuldades de acesso a serviços de qualidade. Este projecto dos Médicos do Mundo que decorreu durante todo o mês de Março, mobilizou em Penela, centenas de crianças e jovens do agrupamento de escolas, jardins-de-infância e da ETP Sicó que quiseram contribuir para a melhoria de condições de vida dos Timorenses.

Crianças do concelho plantaram árvores com a ajuda do Município de Penela No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Árvore, de 19 a 23 de Março, várias Escolas do 1º ciclo, Jardins, Casa da Criança e Cercipenela, receberam a visita de uma equipa da Câmara Municipal de Penela que com eles plantaram árvores, arbustos e plantas aromáticas. Uma visita muito especial que veio acompanhada de uma explicação sobre as comemorações do Dia Mundial da Árvore e a importância destas na natureza. Momentos simbólicos que a todos marcaram acrescendo a responsabilidade de terem de cuidar das árvores que plantaram. O objectivo desta acção é a sensibilização da comunidade escolar para a importância do património florestal desta região, enquanto factor de desenvolvimento sustentável.

63


EDUCAÇÃO

2º e 3º CEB de Penela criaram negócios sustentáveis No âmbito do projecto “Empreendedorismo nas Escolas” promovido pelo Município de Penela, cerca de 50 alunos do 2º e 3º CEB participaram na Feira “Empreendedor por um dia”, onde durante a manhã do dia 18 de Março, no Mercado Municipal de Penela, mostraram o seu lado mais empreendedor e criativo através dos seus mini-negócios. Aproveitando o dia em que se realiza o Mercado, estas crianças divididas em grupos de 3 e 4 elementos, passaram a manhã em barraquinhas a fazer negócio, pondo em prática as suas ideias baseadas na sustentabilidade e gestão de resíduos, que foram aprendendo ao longo dos últimos meses. Uma manhã que encheu o mercado municipal de pequenos empreendedores com plantas, bolos caseiros, chás, bijutarias entre muitas outras coisas, sempre com a sustentabilidade por base. O Município de Penela dá assim, continuidade ao projecto Empreendedorismo nas Escolas, que teve início há 3 anos, em colaboração com a GesEntrepreneur e constitui uma aposta clara na proactividade, na iniciativa, criatividade e no fomento do espírito empreendedor nos mais jovens.

64


TURISMO E PATRIMÓNIO

Primeiro Parque Infantil Romano do País O Parque das Águas Romanas, o primeiro parque infantil de temática romana do país foi inaugurado a 30 de Agosto, na presença da Doutora Ana Abrunhosa, Vice-Presidente da CCDRC. Centenas de munícipes quiseram estar presentes e participar neste importante momento para o desenvolvimento do concelho, a inauguração de um espaço destinado ao encontro de gerações. A inspiração deste parque de lazer é a Villa Romana do Rabaçal, com a Torre Octogonal a ser uma fiel representação do seu formato. Baloiços, escorregas, aquedutos e labirintos, são apenas alguns dos vários espaços que os visitantes podem agora usufruir. Este Parque com cerca de seis mil metros quadrados e um investimento total de um milhão de euros, e insere-se na estratégia de valorização urbana geradora de melhor qualidade de vida, fixação de população. Com um investimento de 1 milhão de euros foi apoiado pelo Programa Mais Cento em 475 mil euros.

65


TURISMO E PATRIMÓNIO

01

Terras de Sicó no Casino da Figueira da Foz De 10 a 17 de Junho, o Casino da Figueira dedicou uma semana dedicada à sub-região Terras de Sicó. Conferências e exposições de vinhos, gastronomia e produtos tradicionais estiveram expostos no hall de entrada deste espaço visitado por milhares de pessoas. Na abertura oficial desta mostra estiveram os Presidentes de Câmara dos Municípios que integramna Terras de Sicó, Penela, Condeixa, Soure, Pombal, Alvaiázere e Ansião, o Presidente da Câmara da Figueira da Foz e o Presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro. “As Tertúlias de Sicó”, um ciclo de conferências, contaram com a participação de Jorge Paiva, António Arnaut, Lúcio Cunha, Luís Jordão e Pedro Machado, falando sobre o património cultural como oferta de visitação. Uma semana que ajudou promover este território rico em gastronomia e património histórico e natural.

66


TURISMO E PATRIMÓNIO

Castelo de Penela na A1 Dando continuidade a uma estratégia de Valorização do território, Penela já se encontra representada na A1. Um pórtico com a imagem do castelo de Penela encontra-se agora em ambos os sentidos uns quilómetros antes da saída da A1 em Condeixa. Penela, conhecida pelos seus castelos medievais, parte de um património histórico vasto do qual também a Villa Romana do Rabaçal faz parte, marca agora presença numa das auto-estradas com maior fluxo rodoviário do país, uma forma de afirmação deste território, também reconhecido pelo seu rico património natural, da espeleologia, dos percursos pedestres, da Praia da Louçainha, da Pedra da Ferida, das aldeias bonitas da Serra do Espinhal, da Ferraria de São João e das aldeias do xisto, do BTT e das centenas de quilómetros de trilhos, assim como pelos seus produtos endógenos, como o queijo Rabaçal, as nozes, o mel Serra da Lousã, os vinhos e azeite Terras de Sicó. Com esta acção a autarquia pretende o pilar do turismo como um dos principais eixos de desenvolvimento deste território, definido no seu Plano de Director de Inovação, Competitividade e Empreendedorismo.

Espeleólogos Italianos apresentaram Talismã em 3 dimensões Durante 13 dias um grupo de 15 espeleólogos da Federação Espeleológica Pugliese, sul de Itália, estudou 2,5 Km das Grutas Talismã. Este estudo teve origem num acordo celebrado entre o Município de Penela, a Universidade de Coimbra e a Federação Espeleológica Pugliese com o objectivo de aprofundar o conhecimento do património geológico e espeleológico de Penela. Foi realizado um levantamento topográfico detalhado que permite uma reconstituição gráfica bidimensional e tridimensional das zonas estudadas das Grutas Talismã. Os dados científicos obtidos sobre o ambiente cársico subterrâneo podem também contribuir para a identificação de elementos que caracterizam o património geológico e geomorfológico, elementos que vão constituir a bagagem dos recursos identificativos passíveis de valorizar possíveis roteiros turísticos inovadores: turismo de natureza e/ou ambiental, turismo cultural, geo-turismo, turismo espeleológico entre outras possibilidades. Os resultados desta campanha foram apresentados ao Município de Penela através de uma apresentação multimédia detalhada, que será transformado em trabalho escrito e científico a ser enviado para a Universidade de Coimbra e Município de Penela. Na apresentação esteve presente o Professor Lúcio Cunha que lisonjeou o trabalho realizado por este grupo, uma vez que é importantíssimo para a continuação do estudo destas grutas que ainda têm tanto por descobrir, assim como permitiu tirar variadas e importantes conclusões sobre a evolução e possível desenvolvimento destas grutas. 67


ALDEIAS DE XISTO

Capril aprovado na Ferraria de S. João No âmbito de uma candidatura da Pinus Verde ao mecanismo financeiro EEA GRANTS, no âmbito da Rede de Aldeias de Xisto, o projecto de reabilitação de 6 Currais para construção de Capril experimental, vai ser desenvolvido na Ferraria de S. João. Estes currais comunitários que desde logo revelaram um conjunto de características que podiam ajudar a afirmar a imagem de marca desta aldeia, vão cruzar diversas valências no mesmo espaço – potenciar a caprinicultura numa lógica de mercado, potenciar a produção de produtos endógenos, promover a componente didáctica e de formação e o turismo social e rural. A reabilitação dos currais, 6 de cerca de meia centena que ali existem, sendo esta uma primeira fase, vai contribuir para o desenvolvimento da caprinicultura como uma boa alternativa económica para a fixação da população, assim como o reforço da capacidade regional de experimentação e demonstração agrária e, nesta perspectiva, implementar um projecto de modernização e apetrechamento de Caprinicultura – um capril experimental. Prevê-se que este projecto venha a ser gerido pela Associação de Moradores da Aldeia da Ferraria de São João, com o apoio do Município, da Direcção Regional da Agricultura e Pescas do Centro, da Escola Superior Agrária de Coimbra e de investidores privados que se associem. Estas seis construções permitirão o alojamento de 20 cabeças de gado e o consequente arranque do projecto O valor estimado da recuperação dos seis currais é de 20.790,00 (c/ IVA), sendo 50% comparticipado pelo Município de Penela e os outros 50% financiados pelo EEA GRANTS.

68


ALDEIAS DE XISTO

Centro de BTT Aldeias do Xisto em Ferraria de S. João foi o primeiro do país O Centro de BTT Aldeias do Xisto em Ferraria de S. João, a primeira infraestrutura do género no país, foi inaugurado a 14 de Março. Foram inúmeras as pessoas que estiveram presentes no evento, entre amantes da modalidade, simples curiosos e demais aventureiros que não deixaram de passar a ocasião para conhecer e passear pelos trilhos sinalizados para o efeito. Constituído por um total de 196km, o Centro tem ao dispor 5 trilhos do tipo Cross Country, devidamente sinalizados com marcações específicas adoptadas internacionalmente, distribuindo-se por 4 níveis de dificuldade (verde, amarelo, vermelho e preto) adequados a todos os tipos de utilizadores. Inclui um local central de acolhimento aos praticantes com um edifício dotado de um conjunto de equipamentos dedicados exclusivamente aos praticantes de BTT de lazer. Este local está apetrechado com estacionamento, balneários, estação de serviço para bicicletas (lavagem, ar e mini-oficina) em regime de self-service. O Centro é gerido pela Associação de Moradores da Ferraria de S. João, em protocolo celebrado com o Município e ADXTUR. A construção do edifício de apoio, um espaço de arquitectura moderna e funcional, foi promovida pelo Município de Penela que valorizou assim em muito o projecto de criação do primeiro Centro de BTT das Aldeias do Xisto, implementado em parceria com a ADXTUR- Agência para o Desenvolvimento Turístico das Aldeias de Xisto. Esta iniciativa seguiu as orientações de um plano estratégico municipal ligado à competitividade do território de forma a promover o seu desenvolvimento, corporizado também noutras iniciativas já levadas a cabo como a valorização da praia fluvial da Louçainha, percurso pedestre da Pedra da Ferida, valorização do Castelo do Germanelo, obras no Castelo de Penela e na Villa Romana do Rabaçal e construção do Centro de Interpretação do Sistema Espeleológico do Dueça.

69


AMBIENTE

III Concurso Concelho a Florir A Câmara Municipal de Penela organizou pelo terceiro ano, com o apoio das Juntas de Freguesia do Concelho, o concurso “Concelho a Florir”.

01

O objectivo deste concurso é apelar ao sentido estético dos cidadãos e ao seu espírito comunitário para que através de um esforço conjunto, dos habitantes e da Autarquia, o Concelho esteja mais embelezado.

Prémio Freguesia: Cumieira: 1º prémio – Maria Manuela Mendes 2º prémio – Maria Helena Palaio Espinhal:

03

02

1º prémio – Maria Filomena Coimbra 2º prémio ex-aequo – Maria Aline Cordeiro ex-aequo Maria Céu Craveiro 3º prémio – Ana Paula Rosa Menção Honrosa – José Carlos Oliveira Rabaçal: 1º prémio – Clotilde Silva 2º prémio – Maria Ascenção Cunha 3º prémio – Leonor dos Santos Santa Eufémia: 1º prémio – Mónica Teresa Filipe

04 05

2º prémio – Maria Fátima Vaz Lopes 3º prémio – Maria Armanda Mendes S. Miguel: 1º prémio – Mário Mendes 2º prémio – Maria Isilda Nunes França 3º prémio – Rosa Maria Loureiro Prémio concelhio: 1º prémio – Mário Mendes 70

2º prémio – Mónica Teresa Filipe 3º prémio ex-aequo – Maria Filomena Coimbra

01 02 03 04 05

·· Vencedora da Freguesia de Sta. Eufémia ·· Vencedora da Freguesia de S. Miguel ·· Vencedora da Freguesia do Espinhal ·· Participantes ·· Vencedor do Prémio Concelhio


AMBIENTE

Louçainha hasteou a bandeira azul A Praia Fluvial da Louçainha foi pelo 3º ano consecutivo, merecedora da Bandeira Azul atribuída pela Associação da Bandeira Azul da Europa (ABAE). A cerimónia contou com a presença de Pedro Machado, Presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro, que considerou ser “importante para toda a região, uma vez que é uma das duas praias fluviais da região com bandeira azul”. Estiveram também presentes Jorge Pereira, Presidente da Junta de Freguesia do Espinhal, Edmeia Silva representante da ARH Centro, Comandante Costa Andrade do ISN, Luísa Pestana da Fundação Vodafone, assim como, o Presidente da Câmara Municipal de Penela, Paulo Júlio, que considera esta Praia, como peça fundamental na construção do puzzle de desenvolvimento do Concelho. Deste puzzle fazem parte o Percurso Pedestre da Pedra da Ferida, os Castelos Medievais de Penela e Germanelo, o património arqueológico Romano da Villa do Rabaçal, a Ferraria de S. João, aldeia que pertence à Rede de Aldeias do Xisto, e toda a paisagem envolvente onde o contraste entre o xisto e o calcário, se fazem notar através da diversidade que proporcionam. A atribuição da Bandeira Azul à Praia Fluvial da Louçainha deve-se ao cuidado com aspectos como: Qualidade da Água, Informação e Educação Ambiental, Gestão Ambiental e Equipamentos e Segurança. Este galardão - Bandeira Azul – assume assim, uma incontornável importância para o concelho uma vez que é identificado como símbolo de garantia de qualidade e bem-estar.

71


AMBIENTE

Lavagem e desinfecção dos contentores de lixo do concelho A lavagem e desinfecção dos 500 contentores de resíduos domésticos contribui para a melhoria do ambiente e das condições de vida dos munícipes e motiva os cidadãos a maiores cuidados no embalamento dos resíduos. Colocar o lixo em sacos atados dentro do contentor, de modo a evitar a proliferação dos maus cheiros, insectos e roedores e a manter o bom estado de conservação dos equipamentos colocados ao seu dispor. A limpeza e conservação dos espaços e equipamentos.

Novos ecopontos no concelho Com o objectivo de tornar o concelho mais limpo e fomentar a reciclagem no concelho, a autarquia colocou 3 novos ecopontos nas freguesias de Cumieira e Santa Eufémia. Estes novos ecopontos, constituídos por vidrão, embalão e papelão, destinam-se a promover e incentivar a recolha selectiva junto de aglomerados populacionais com um número significativo de habitantes, como é o caso das Grocinas e Carvalhais e povoações circundantes. Na Zona Industrial de Penela, dado que tem vindo a aumentar significativamente o número de empresas, também foi colocado um ecoponto junto ao Parque Logístico Municipal. Localização: – Grocinas, junto à Escola Primária ( serve também as povoações de Bouçã e Ferraria de São João); – Zona Industrial de Penela, frente ao Parque Logístico Municipal; – Carvalhais (serve também as povoações de Torre Chão Pereiro, Viavai, Estrada de Viavai).

72

A Câmara de Penela apela a todos os munícipes para que mantenham em bom estado de conservação os equipamentos colocados ao seu dispor, salientando que a limpeza e conservação dos espaços e equipamentos comuns dizem respeito a todos os cidadãos.


AMBIENTE 01

Infraestruturas de Saneamento avançam Depois de longas negociações e contínuo planeamento dos investimentos a realizar no Concelho de Penela, a empresa Águas do Mondego, S.A. consignou a 7 de Outubro a realização de duas empreitadas, no valor total de 3,5 milhões de euros, de construção de vários emissários e Estações de Tratamento de Águas Residuais. Com as empreitadas que já decorrem, o concelho fica dotado dos emissários de Penela (Venda das Figueiras – Quinta de Cima) e das Cerejeiras (Fetais Cimeiros – Pisão), que vão ser complementados com a construção de duas novas ETAR: uma na Quinta de Cima, em substituição da existente que vai ser desactivada, que vai tratar os efluentes do primeiro e outra no Pisão para tratar o efluente do segundo, permitindo assim viabilizar a construção das redes em baixa em todas as povoações que se enquadram na designada Bacia Hidrográfica do Dueça. Povoações de Louriceira, Venda das Figueiras, Câneve, Venda dos Moinhos, Grocinas, Viavai, Estrada de Viavai, Carvalhais, Torre, Casais do Cabra, Ferrarias, Taliscas, Chão de Ourique, Vendas de Podentes, e tantas outras, vão poder contar com um sistema público de drenagem de águas residuais que vai abranger uma população estimada em 6.000 pessoas, o que corresponde a uma taxa de cobertura que vai ultrapassar os 80%.

02

Ainda no âmbito do Ciclo da Água, a Águas do Mondego está ainda a construir o Subsistema da Louçainha, que vai garantir o fornecimento de água a 90% do concelho de Penela e à freguesia de Vila Nova (concelho de Miranda do Corvo). O Subsistema da Louçainha tem a sua origem nas barragens da Louçainha I e II e é composto por uma ETA – Estação de Tratamento de Água (Cancelas), três Reservatórios (Vieiros, Fonte Fria e Louçainha, duas Captações (Louçainha I e Louçainha II), três Estações Elevatórias (Vieiros, Fonte Fria e Cancelas) e cerca de 17 Km de Condutas Adutoras.

03

Este Subsistema da Louçainha, que tem um investimento previsto na ordem dos 6 milhões de euros, passará a estar ligado ao Subsistema da Boavista, com origem em Coimbra, permitindo assim o reforço de caudais em época estival. A primeira fase, já concluída, correspondeu à remodelação da conduta adutora entre a Barragem da Louçainha e a ETA de Cancelas, representando um investimento da ordem dos 0,25 milhões de euros. Esta obra permitiu aumentar substancialmente o fornecimento de água à ETA. As restantes infra-estruturas deste Subsistema (sistemas adutores, Estações Elevatórias e Reservatórios) estão em fase final de adjudicação, prevendo-se o início dos trabalhos até final do corrente ano. Quanto à ETA de Cancelas, a mesma está em fase de revisão de projecto, prevendo-se lançar o concurso da empreitada até final do corrente ano de 2009.

01 02 03

·· Pedro Batalhão e Nelson Geada ·· Paulo Canha e Nelson Geada ·· Paulo Canha, Paulo Júlio, Nelson Geada e Pedro Batalhão 73


AMBIENTE

Alunos do 1º e 2º ciclo visitaram a Casa do Ambiente Durante a semana de 1 a 5 de Março esteve instalada na Escola Básica Integrada Infante D. Pedro a Casa do Ambiente da ERSUC, um espaço onde os visitantes puderam perceber o circuito dos resíduos urbanos potencialmente recicláveis, ensinando também a melhor forma de separar estes resíduos. Durante a semana a Casa do Ambiente recebeu dezenas de crianças do 1º e 2º ciclos que visitaram este espaço “amigo do ambiente” e aprenderam a separar lixos, tais como cartão/papel, embalagens metálicas, de plástico e de vidro. Uma visita que sensibilizou as crianças a contribuir para a defesa do ambiente e aumento da qualidade de vida, diminuindo substancialmente o confinamento ou destruição irreversível dos resíduos sólidos urbanos.

Voluntários Limparam Portugal e o Concelho No dia 20 de Março nem a chuva impiedosa que caiu durante toda a manhã demoveu os Penelenses de limparem o concelho, fazendo desta iniciativa “Limpar Portugal” um sucesso. 130 pessoas juntaram-se no Penela Center, para em conjunto com a organização a cargo do Município de Penela, Bombeiros Voluntários de Penela, Juntas de Freguesia, ETPSICÓ e o Agrupamento de Escuteiros, ajudarem a Limpar o Concelho e Portugal. Munidos de luvas e sacos de lixo, os voluntários arregaçaram as mangas e colocaram mãos à obra nas quatro lixeiras ilegais que haviam sido previamente marcadas, Alfafar, Besteiro, Cova da Lapa e Venda dos Moinhos recolhendo: – 130 t de material de construção e de demolição – 2 t de pneus usados – 2 t de resíduos domésticos.

74


AGENDA 21 LOCAL DE PENELA

Agenda 21 Local A Agenda XXI nasceu de um compromisso assumido por quase duas centenas de governos mundiais, aquando da Conferência das Nações Unidas para o Ambiente e Desenvolvimento realizada em 1992, no Rio de Janeiro, mais conhecida como “Cimeira da Terra”. Trata-se de um documento orientador dos governos, das organizações internacionais e da sociedade civil, para o desenvolvimento sustentável, visando conciliar a protecção do ambiente com o desenvolvimento económico e a coesão social. Ao nível local, pressupõe a implementação de um processo construído com a participação de toda a comunidade, visando a elaboração de uma estratégia conjunta para a melhoria da qualidade de vida das gerações actuais e futuras. Reconhecendo a importância da participação dos cidadãos na construção do seu futuro, o Município de Penela, juntamente com os municípios do Pinhal Interior Norte, tendo em vista implementação da Agenda 21 na região, efectuaram uma candidatura ao Eixo 4 do QREN, que foi aprovada. A Agenda 21 do Pinhal Interior Norte pressupõe que cada um dos municípios desenvolva, de forma articulada, a sua própria Agenda XXI Local, pelo que, no dia 07 de Setembro de 2009, o Executivo Municipal aprovou a implementação da AGENDA XXI LOCAL – PENELA.

Este projecto é o que, colectivamente, nós quisermos que seja e o seu sucesso depende também da vossa vontade e participação! Conheça-o mais de perto em: http://www.cm-penela.pt/agenda21local e faça-nos chegar as suas sugestões através de agenda21local@cm-penela. pt , ou dos contactos do Município.

75


SAÚDE E ACÇÃO SOCIAL

Curso de Nutrição e Cozinha Vegetariana foi um sucesso Nos dias 18 e 19 de Abril, decorreu na Biblioteca Municipal de Penela a segunda edição do Curso de Iniciação à Nutrição e Cozinha Vegetariana, organizado pela Associação Internacional de Temperança e Associação Portuguesa de Medicina Preventiva com o apoio do Município de Penela. O Curso contou com mais 30 participantes, que se deliciaram com os conselhos, truques e dicas de nutrição durante estes dois dias de formação, em que aprenderam a fazer refeições mais saudáveis.

“Perto de si” - Unidade Móvel de Apoio Domiciliário A Unidade Móvel de Apoio Domiciliário “Perto de Si” é uma nova resposta na área social e de saúde que a autarquia de Penela, em conjunto com a Administração Regional de Saúde do Centro, após o protocolo assinado a 18 de Dezembro, colocou ao serviço dos cidadãos do concelho. Uma equipa multidisciplinar composta por 1 Médico, 2 Enfermeiros, 1 Técnico de Serviço Social, 2 Auxiliares de Acção Médica e 1 Fisioterapeuta, apoiados numa viatura devidamente equipada desloca-se junto dos mais idosos, dos mais isolados, dos mais desprotegidos e daqueles que têm menos mobilidade. A Unidade Móvel de Apoio Domiciliário vem assim juntar-se às Unidade de Cuidados Continuados de Saúde que já funcionam no concelho de Penela, permitindo prestar cuidados continuados integrados a pessoas que, independentemente da idade, se encontrem em situação de dependência, seja no âmbito da saúde, seja no âmbito social.

76


SAÚDE E ACÇÃO SOCIAL

Seminário “Famílias em Busca do Essencial” Nos dias 30 de Abril, 7, 14 e 21 de Maio, decorreu na Biblioteca Municipal de Penela o Seminário “Famílias em Busca do Essencial”, organizado pela Associação Internacional de Temperança e Associação Portuguesa de Medicina Preventiva com o apoio do Município de Penela. Um Seminário inteiramente dedicado à temática da família em que se debateram os seguintes temas: ·· - Divórcio... e se houvesse outra solução? ·· - Olhares diferentes Corações Unidos! ·· - Pais imperfeitos, Procuram-se! ·· - A falar é que a gente se entende. ·· - Quero que sejas como tu!

Expo-Saúde avaliou a saúde dos Penelenses Nos dias 5 e 6 de Julho decorreu no Auditório Municipal de Penela, a ExpoSaúde, uma acção promovida pela Associação Internacional de Temperança (AIT), Associação Portuguesa de Medicina Preventiva e Município de Penela com a colaboração do Centro de Saúde de Penela. A Expo-Saúde – “Teste a sua Saúde” teve como objectivo promover estilos de vida saudáveis através da educação sobre saúde e do despiste de várias doenças comuns, através da realização gratuita de vários testes (colesterol total, glicose, tensão arterial, densitómetria óssea, Teste de Endurance Física de Harvard, medição de percentagem de gordura corporal, avaliação do Seu Risco Cardíaco e da Idade pela Saúde, entre outros) e do aconselhamento sobre como melhorar a saúde. Durante os dois dias, a exposição contou com a visita de centenas de pessoas que quiseram saber como estava a sua saúde e ouvir os conselhos médicos para levar uma vida saudável. O programa incluiu ainda as conferências: “Como evitar o Cancro” e “Exercício para a Vida”

77


SAÚDE E ACÇÃO SOCIAL

Semana do Idoso, uma semana de convívio Decorreu de 29 de Junho a 3 de Julho em Penela, a Semana do Idoso, uma organização do Gabinete de Acção Social da Câmara Municipal de Penela e da Rede Social de Penela. A Semana do Idoso traduziu-se na dinamização de actividades para os séniores do nosso concelho, promovendo a sua interacção com a população e com uma série de locais e infra-estruturas do concelho a que nem sempre têm acesso. O objectivo é que os idosos do nosso concelho passem dias diferentes e animados, partilhando experiências e conhecimentos num convívio de 5 dias, que passou pela Praia Fluvial da Louçainha e CISED, pela Praia de Mira e pelo Castelo de Montemor-o-Velho.

Centenas de Seniores visitaram Óbidos No dia 8 de Julho, integrado na Comemoração do Dia Mundial dos Avós, centenas de séniores do concelho foram passear à Batalha, à Foz do Arelho e a Óbidos. Uma bela e animada viagem organizada pelo Gabinete de Acção Social do Município que porporcionou a todos um dia diferente.

78


SAÚDE E ACÇÃO SOCIAL

Sr. Salazar comemorou 100 anos Foi no dia 26 de Agosto, que o Município de Penela se quis juntar ao Sr. Salazar e família para comemorar a sua bonita idade, 100 Primaveras! A equipa da Acção Social do Município de Penela, fez questão de levar um bolo e velas para que o Sr. Salazar festejasse connosco esta bela idade. Um momento de grande emoção e recheado de histórias e vivências destes 100 anos de muita vida.

Crianças carenciadas do Concelho com Natal antecipado Como forma de tornar o Natal uma época solidária e mais bonita para quem mais precisa, a autarquia com o apoio da Fundação Luís Figo e do Penela Center ofereceu prendas a cerca de 100 crianças carenciadas do concelho. Um momento de grande emoção para todas as crianças que no Castelo, em pleno Penela Presépio, foram recebendo presentes oferecidos pela Fundação Luís Figo e pelo Penela Center. Esta iniciativa da responsabilidade do Gabinete de Acção Social do Município de Penela, deu assim continuidade à Campanha de Solidariedade que a autarquia promove na época natalícia com o Penela Presépio, com o objectivo de tornar o Natal mais solidário e feliz de quem mais necessita.

79


SAÚDE E ACÇÃO SOCIAL

Penela debateu os Cuidados Continuados No dia 15 de Janeiro realizou-se o I Encontro “Penela com Saúde” com a temática “Cuidados Continuados: ontem, hoje e amanhã”, numa organização conjunta do Município de Penela, Centro de Saúde de Penela, Naturidade e Santa Casa da Misericórdia de Penela, que juntou mais de centena e meia de pessoas no Auditório Municipal de Penela. Esta é uma área que começa a ganhar visibilidade no concelho de Penela. Os cuidados continuados integrados de saúde são já uma referência, neste concelho, um dos do distrito com mais camas nesta área, actualmente cerca de 80, justificando a importância deste encontro, onde cerca de 20 oradores com experiência comprovada na área partilharam as suas experiências e conhecimentos sobre as mais variadas temáticas debatidas.

80


SAÚDE E ACÇÃO SOCIAL

Autarquia distribui fundos do Jantar Penela Solidária O Município de Penela organizou um almoço simbólico com todas as IPSS do concelho para entregar o dinheiro angariado no Jantar “Penela Solidária” realizado, na abertura do Penela Presépio09, no dia 12 de Dezembro. O Jantar “Penela Solidária” gerou uma receita total de 2.565 € (dois mil quinhentos e sessenta e cinco euros), proveniente do leilão dos 3 presépios vencedores do concurso concelhio e de cerca de 15 quadros cedidos por pintores concelhios e resultantes da Pintura ao Ar Livre realizada durante a VINALIA. Esta verba foi distribuída pelas cinco Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho em função do respectivo número de utentes, cabendo a cada uma os seguintes montantes: Santa Casa da Misericórdia de Penela – 800,69€ CerciPenela – 618,12€ Casa de Beneficência Conselheiro Oliveira Guimarães – 421,71€ Associação Quinta das Pontes – 319,36€ Cáritas Diocesana de Coimbra – Centro de Dia de Cumieira – 405,12€

Universidade Sénior do Concelho de Penela Como resposta socioeducativa para os maiores de 50 anos do concelho, a autarquia criou a Universidade Sénior que conta já com 23 alunos com idades entre os 50 e os 80 anos. Criar e dinamizar regularmente actividades sociais, culturais, educacionais e de convívio aos seniores do concelho foi um dos principais objectivos desta Universidade, que funciona com actividades educativas em regime não formal, sem fins de certificação e no contexto da formação ao longo da vida. As aulas decorrem às segundas e quartas-feiras, das 09H30 às 12H30, com possibilidades de alargamento, consoante o acréscimo de disciplinas e/ou alunos. Com quatro professores a leccionar História, Iniciação ao Inglês, Iniciação à Informática e Educação Física, a universidade vai também criar aulas de iniciação à escrita e à leitura especialmente vocacionadas para analfabetos.

81


PROTECÇÃO CIVIL E FLORESTAS

Simulacro testa dispositivo de Protecção Civil no Concelho No âmbito das atribuições da Comissão Municipal de Protecção Civil do Município de Penela, em articulação com a Autoridade Distrital de Protecção Civil, realizou-se um exercício / simulação de Combate a Incêndio Florestal no dia 2 de Maio. Este exercício teve lugar na Serra do Espinhal, zona considerada de maior risco, com o objectivo de testar todo o dispositivo de protecção civil, desde a articulação entre as entidades envolvidas, a coordenação e comando de operações e o grau de eficácia do sistema. Foi testado pela primeira vez em teatro de operações uma plataforma informática, com base num sistema de informação geográfica, que permite visualizar e avaliar o desenvolvimento do incêndio com alguma antecipação, e assim accionar meios, adequá-los e posicioná-los no terreno com maior exactidão. O exercício envolveu forças dos Bombeiros de várias cooperações, GNR/GIPS, Sapadores Florestais, Juntas de Freguesia, Protecção Civil municipal, equipamentos de empresas e também os habitantes das povoações limítrofes, envolvendo cerca de 100 pessoas, mais de duas dezenas de viaturas, vários equipamentos e toda a logística de apoio necessária a esta operação.

82


PROTECÇÃO CIVIL E FLORESTAS

Seminário

“Modelos de Desenvolvimento Florestal” A promoção da gestão do património florestal concelhio através do ordenamento das explorações florestais e da dinamização e apoio ao associativismo constitui um dos objectivos estratégicos do Município de Penela. Neste sentido, realizou-se no Espinhal um Seminário subordinado ao tema “Modelos de Desenvolvimento Florestal = Zonas de Intervenção Florestal?”, integrado na XX Feira do Mel do Espinhal. No Seminário participaram técnicos especializados e conceituados na área, que ajudaram a analisar o regime jurídico de criação de Zonas de Intervenção Florestal (ZIF), os constrangimentos na aplicação do mesmo e apresentaram casos práticos de constituição de ZIF, sendo um deles o de Figueiró dos Vinhos. A Autoridade Florestal Nacional também esteve presente neste seminário, através do seu Director Regional, Eng.º Viriato Garcez, assim como Estruturas Federativas da Floresta Portuguesa e suas associadas e empresas representativas da Fileira Florestal.

População de Carvalhinhos recebeu kit de 1ª intervenção em incêndios

O balanço do seminário foi positivo, chegando-se a conclusões de grande importância que ajudaram a esclarecer o auditório e reflectir em novas medidas a tomar no futuro, relativamente ao ordenamento dos espaços florestais da região e do país.

O Plano Operacional Municipal contemplou o Programa Floresta Verde 2009 – Proverde2009, que considerou a implementação de algumas medidas concretas e inovadoras, com o objectivo de melhorar a capacidade de prevenção, detecção, vigilância e defesa das aldeias contra os incêndios florestais e de maior envolvimento das populações em sistemas de auto-defesa. Este sistema de auto-defesa constituído nomeadamente por um grupo motobomba e lanços de mangueira foi atribuído à população dos Carvalhinhos, a quem foi ministrada formação relativa ao funcionamento do Kit e a questões de segurança, na sua utilização sempre que necessária.

83


GESTÃO E ORGANIZAÇÃO

Comitiva francesa de Ormesson sur Marne visita Penela No 10 de Junho, Penela recebeu a visita da comitiva francesa de Ormesson sur Marne. Neste dia de Portugal e das Comunidades Portuguesas, cinco representantes da cidade de Ormesson Sur Marne, visitaram o nosso concelho: - Guy LE DOEUFF Maire d’Ormesson-sur-Marne (Presidente da Câmara); - Jacques REITZER, adjunto do Presidente; - Patrik MARLET, Director Geral dos Serviços; - José SARMENTO LAMEIRÃO, Conselheiro Municipal; - Fernando dos SANTOS, Conselheiro Municipal. O objectivo desta visita foi dar a conhecer o concelho, o território e as gentes, com vista a uma futura geminação. Ormesson Sur Marne é uma cidade muito próxima da capital francesa, caracterizada pelos seus belíssimos espaços verdes e pelo seu urbanismo, é uma cidade constituída maioritariamente por vivendas, o que a torna numa zona residencial muito atractiva. Situada perto de Paris, esta Comuna oferece um quadro de vida preservado e um ambiente notável. Ao visitarem um pouco do nosso concelho esta comitiva ficou encantada com as paisagens e a diversidade histórica e paisagística do concelho, assim como pela gastronomia. Na despedida ficou a promessa de novas visitas e de uma futura geminação entre Penela e Ormesson Sur Marne.

84


GESTÃO E ORGANIZAÇÃO

Novo Executivo Camarário tomou posse A tomada de posse do novo elenco da Câmara Municipal e da Assembleia Municipal de Penela, realizou-se a 30 de Outubro, numa cerimónia que contou com a presença de muitos autarcas e personalidades da região, assim como de inúmeros Penelenses que encheram o Salão Nobre. Atrair e fixar investidores privados, políticas dirigidas às crianças e jovens e valorização do território, são as três grandes linhas transversais de actuação do novo executivo que tomou posse. Este executivo mantém a aposta na afirmação e valorização do território assente no reconhecimento do papel fundamental das especificidades e singularidades que conferem ao Município de Penela uma identidade única.

Executivo Municipal PRESIDENTE: Paulo Jorge Simões Júlio VICE-PRESIDENTE: António José dos Santos Antunes Alves VEREADORES: Luis Filipe da Silva Lourenço Matias, Renato Filipe Nunes França, Rodrigo António de Matos Gomes.

Assembleia Municipal Fernando dos Santos Antunes, Anabela Faria Mendes Monteiro, Anabela Fernandes Costa Teixeira, Rui Miguel Antunes Oliveira, David Fernandes Duarte, Paulo Octávio Felisberto Correia Alves de Sousa, Rafael Cândido Justino Batista, José Carlos Fernandes dos Reis, Marta Sofia Coelho Ramos, Edgar Filipe Oliveira Serrano, Jorge Carlos Antunes Pereira, Vítor Manuel Rodrigues Vieira, Francisco Manuel Ramos Dias dos Reis, Luís Alberto Fernandes dos Reis, Alfredo Santos Curcialeiro, Maria do Nascimento Rasteiro Marmé, Luís Alves Ferreira, Paulo António da Silva Roxo, Silvio Simões Lourenço de Carvalho, Januário Pereira Antunes, António Manuel Mendes Lopes.

85


GESTÃO E ORGANIZAÇÃO

Inauguração do Balcão Único no Dia do Município Resultante do processo de modernização administrativa, o Município de Penela inaugurou no Dia do Município o Balcão Único com quatro postos de atendimento ao público. Um espaço moderno, confortável e funcional para o funcionário e para o cidadão, onde se concentram todos os serviços de atendimento ao público, visando proporcionar aos cidadãos o aumento da qualidade, rapidez e eficácia no tratamento das questões relacionadas com os serviços camarários.

86


DESPORTO

140 participantes no 3º Downhill Urbano de Penela Numa prova cheia de novidades, o 3º Downhill Urbano de Penela foi um verdadeiro sucesso, contando com 140 participantes inscritos, nesta prova do Campeonato Regional, com a particularidade de ter 4 concorrentes do concelho. Com início no ponto mais alto da vila, o castelo, a prova descer por ladeiras e degraus até à praça da República e daqui até ao mercado municipal. Esta iniciativa demonstra que é possível articular as características medievais da vila com uma actividade radical contemporânea.

Curso de Nadador Salvador O Município de Penela em conjunto com o Instituto de Socorros a Náufragos promoveu um curso de Nadador Salvador, uma necessidade há muito detectada para a formação de profissionais nesta área, dado que para além das Piscinas Municipais existe ainda a Piscina Natural com Bandeira Azul (Praia Fluvial da Louçainha). Esta é já a 2ª Edição do Curso de Nadador Salvador em Penela e contou com a participação de 20 inscritos que após o final do curso estiveram em serviço na Praia Fluvial da Louçainha.

87


DESPORTO

I Torneio de Iniciados de Futsal a 22 de Fevereiro O Município de Penela organizou o I Torneio de Iniciados de Futsal no Pavilhão Multiusos de Penela, onde participaram equipas reconhecidas nesta modalidade a nível nacional, entre as quais o SL Benfica, a Académica, o Instituto D. João V e o CDR Penelense, saindo vitoriosa a equipa da casa, o CDR Penelense. O sucesso da iniciativa que contou com o apoio do Clube Desportivo e Recreativo Penelense, que venceu o Torneio, promete novas realizações, visto ser um desporto que cada vez move mais praticantes no concelho.

Encontro Regional de Gira-volei decorreu em Penela A Associação Portuguesa de Voleibol e o Município de Penela organizaram o Encontro Regional de Gira-Volei, com a participação de cerca de 200 alunos de toda a Região Centro. O Torneio realizou-se no Pavilhão Multiusos de Penela e serviu para apurar as duplas da Região Centro a representar os diversos escalões no Encontro Nacional de Gira-Volei em Portimão. De realçar a participação das quatro duplas do concelho que o representaram muito bem, demonstrado que esta é uma modalidade com um número ascendente de praticantes no concelho e que promete atrair muitos mais.

88


DESPORTO

Equipa de Iniciados do CDRP recebeu medalhas A autarquia homenageou os jovens da Equipa de Iniciados de Futsal do Clube Desportivo e Recreativo Penelense (CDRP), numa cerimónia em que entregou medalhas de mérito aos jogadores e equipa técnica. Na presença dos dirigentes e equipa, o presidente da câmara quis felicitar esta equipa de jovens jogadores, pela sua vitória no passado dia 9 de Maio, com a equipa do Norte e Soure, vencendo assim a Taça da AFC em futsal. As palavras do autarca foram de grande orgulho e motivação para que continuem a lutar por ser os melhores, não só no futsal, mas nos estudos também. Louvando o gosto que a equipa sempre demonstrou por esta modalidade e por bem representar o concelho.

89


DESPORTO

Férias Desportivas As Férias desportivas de Penela decorreram de dia 22 de Junho a 7 de Agosto, com meia centena de crianças e jovens do concelho, com idades compreendidas entre os 6 e 17 anos, a praticarem diariamente desporto de forma lúdica em vários locais do concelho Esta actividade que resulta da acção conjunta da CMP através do Gabinete de Desporto em parceria com a Associação de Jovens de Penela, tem como principal objectivo o convívio entre os mais jovens, assim como uma forma saudável de passarem as férias escolares, praticando actividade física de ar livre e de pavilhão criando hábitos desportivos. Este grupo de jovens tem semanalmente oportunidade de praticar várias modalidades desportivas tais como: natação, hidroginástica, jogos de água, andebol, voleibol, basquetebol, futsal, ténis, ping-pong, percursos pedestres na Pedra da Ferida e Germanelo, animação na Praia Fluvial da Louçainha e viagens. A autarquia reforça assim mais uma vez, o apoio e preocupação com os mais jovens, proporcionando-lhes actividades desportivas, de lazer e educacionais, contribuindo para a boa formação destes futuros homens e mulheres do concelho.

90


DESPORTO

inauguração do relvado sintético Parque Desportivo Municipal de S. Jorge O relvado sintético de terceira geração do Parque Desportivo Municipal de S. Jorge, foi inaugurado a 19 de Julho, fazendo parte de uma obra de reabilitação do anterior campo de Futebol de S. Jorge que teve o custo total de cerca de 525 mil euros, financiada em 70% pelo POVT, Programa Operacional Temático de Valorização do Território. Com este relvado sintético pretende-se também incentivar os jovens para a prática de desporto, nomeadamente o Futebol, contribuindo ainda para a evolução técnica de jogadores, de técnicos de Clubes e Associações do Município e da população escolar. Esta é uma estrutura capaz de mobilizar, por si só, um conjunto de dinâmicas sociais e económicas, visíveis, no desenvolvimento inequívoco do desporto de competição, associativo, de lazer e de apoio a escolas e outras instituições do Concelho, potenciando a sua localização junto a vários equipamentos escolares e desportivos, tal como a Escola Básica 1,2,3 Infante D. Pedro, o Pólo de Penela da Escola Tecnológica e Profissional de Sicó, a CerciPenela – Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Crianças Inadaptadas, a Piscina Municipal, o Campo de Ténis, o Pavilhão Escolar da Escola Básica 1,2,3 Infante D. Pedro e a Biblioteca e Auditório Municipal. Com este equipamento agora remodelado, a autarquia continua a seguir a sua linha de orientação estratégica, focalizada na valorização do território, directamente relacionada com a qualificação dos espaços residenciais, serviços, equipamentos e do meio natural, ou seja, dos espaços que proporcionam melhores condições e qualidade de vida à população.

91


DESPORTO

Sta. Eufémia ganhou torneio de Fut 7 Inter-freguesias De 13 de Março a 10 de Abril o Município de Penela organizou o Torneio de Fut 7 inter-freguesias no relvado sintético do Parque Desportivo de S. Jorge. A festa de encerramento foi feita num ambiente de grande convívio entre as 6 equipas, que ficaram assim classificados: 6º Lugar: Freguesia do Espinhal; 5º Lugar: Freguesia da Cumieira 4º Lugar: Freguesia de S. Miguel 3º Lugar: Freguesia de Podentes 2º Lugar: Freguesia do Rabaçal 1º Lugar: Freguesia de Sta. Eufémia

Caminhada Rota dos Castelos O Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro com o apoio do Município de Penela realizou no dia 28 de Março uma caminhada pela saúde e pelo ambiente. O percurso entre o Castelo de Penela e o Castelo do Germanelo com cerca de 7 Km de belas paisagens proporcionou uma manhã de saudável convívio entre os caminhantes.

92


Uma dĂŠcada em revista 2000-2009

93


UMA DÉCADA EM REVISTA

94

Os primeiros passos do novo IC3

Penela é a mais limpa!

A construção dos Itinerários Principais e Complementares (IP’s e IC’s) é um meio fundamental para a aproximação das regiões, correcção de assimetrias e diluição de interiores, numa palavra: é um dos factores de desenvolvimento global. Estando em curso o Estudo Prévio do futuro IC3, troço CondeixaTomar, via essencial para o desenvolvimento da Região Centro em geral e do Concelho de Penela, a Câmara Municipal deliberou, por unanimidade, propor ao Sr. Ministro do equipamento duas alternativas que julga fundamentais para que o IC3 atinja os objectivos de desenvolvimento desta área. As alternativas (a serem alvo de estudo) propostas pela autarquia são de extrema importância uma vez que: “1. São os que mais se aproximam do traçado do IC3 previsto pelo Plano Rodoviário Nacional (PRN2000); 2. Dos cerca de setenta quilómetros que constituem o troço agora em estudo e tendo em conta o traçado esquemático do IC3 (PRN 2000), cerca de 25 quilómetros atravessam o concelho de Penela, concelho com características de interioridade onde o IC3 será um instrumento fundamental do seu desenvolvimento económico, social e turístico; 3. Não tem pois sentido um traçado que não rasgue o concelho no sentido de aproximar o IC3 dos concelhos a nascente, privilegiando as ligações ao norte do distrito de Leiria e Coimbra e descomprimindo o tráfego nesta cidade; 4. O não atrofiamento, por aproximação, do triângulo IC2-IC8-IC3 aproximando-se o mais possível do eixo do Rio Dueça e passando a Nascente do Monte Vez; 5. As soluções propostas são as que menos custos ambientais trazem em termos de impacto, quer a nível de Reserva Ecológica Nacional quer da Rede Natura 2000; 6. Em qualquer dos casos a inclusão no referido Estudo Prévio de uma nova ligação à sede do Concelho é indispensável, dado o valor histórico e patrimonial que hoje a Vila de Penela representa no contexto cultural e turístico da região.” Com a apresentação destas propostas a autarquia pretende ajudar o Governo a tomar a decisão certa e justa, que será de elevada importância para o desenvolvimento do Concelho de Penela.

O Concelho de Penela venceu o concurso “Cidades Limpas 1999/2000” na categoria de municípios com menos de 7000 habitantes. Este galardão é o reconhecimento do trabalho desenvolvido pelo Município na área do ambiente e que passa por diversas campanhas de sensibilização mas, muito especialmente, pelo trabalhado desenvolvido por alguns jovens da CerciPenela, com a qual a autarquia mantém um protocolo de limpeza urbana nas vilas de Penela e Espinhal e que inclui também a manutenção de jardins. O trabalho deste grupo de jovens era já elogiado pela população local e agora com a atribuição do prémio de “Cidade limpa 99/00” ao Município, é também motivo de orgulho concelhio. A associação Portuguesa para estudos de Saneamento Básico considerou Penela como a mais limpa de Portugal e como tal irá atribuir ao município a bandeira verde que será ostentada em Penela como símbolo da qualidade ambiental do concelho.


ACONTECEU EM 2000...

Parque escolar renovado

Balneário à vista na “Villa Romana” do Rabaçal

Cerca de 75 mil contos foi o investimento total na recuperação e beneficiação das Escolas Primárias de Podentes, Grocinas e Viavai e do Jardim de Infância do Rabaçal que oferecem agora melhores condições de ensino e aprendizagem. Paredes e janelas pintadas, vedações, sanitários e espaços para refeições remodelados, foram algumas das intervenções aí realizadas, e que representam 25 mil contos de investimento. Contudo a intervenção mais significativa foi na Escola Primária do Espinhal que, sendo uma construção escolar da primeira metade do século XX, teve a comparticipação de 60% dos custos globais por parte do Ministério da Educação. Os 50 mil contos aí aplicados traduzem-se num arranjo total de edifício, quer interior, quer exterior, com algum destaque para o refeitório, agora equipado com equipamentos que possibilitam o sue melhor funcionamento. A melhoria das condições globais de ensino e aprendizagem, indispensáveis à concretização de uma educação que se quer de qualidade, justificam em pleno este investimento. Encontram-se já em execução a recuperação das Escolas Primárias de Cerejeiras e Infesto, que estão a ser alvo de intervenções significativas.

Pelo 15º aniversário consecutivo as ruínas da “villa romana” do Rabaçal foram palco de mais uma campanha arqueológica, que decorreu durante o mês de Julho, sob orientação do arqueólogo Miguel Pessoa. No campo de trabalho do ano passado foi descoberto um balneário situado a cerca de 40 metros da área residencial, integrado numa zona de serviços, onde já se distingue o “vestíbulo”, o “fregidário”, o “tepidário”, o “caldário”, duas cabines de sauna e várias condutas de água. Após a campanha deste ano, já é visível toda a estrutura do balneário, onde temos uma visão pormenorizada das paredes do edifício e uma perspectiva do funcionamento do serviço. Junto a estas escavações foi encontrada uma necrópole com seis sepulturas que, segundo o arqueólogo Miguel Pessoa, remonta ao séc. XVI. Todas as campanhas realizadas até hoje contam com a participação de grupos de jovens, alguns estudantes, outros trabalhadores. Trata-se de uma forma diferente para ocupar o tempo de férias, onde os intervenientes têm a oportunidade de reconstruir a história de um povo, desbravando as raízes ancestrais de uma cultura. As actividades decorrem num ambiente são, privilegiando o intercâmbio e o convívio entre todos os participantes. É graças ao esforço do arqueólogo Miguel Pessoa, à participação de vários grupos de jovens, à colaboração do Instituto Português da Juventude e do Instituto Português de arqueologia, e muito especialmente ao empenho da autarquia, que ao longo destes anos tem assumido as escavações, que hoje é possível conhecermos o valioso património da “Villa Romana” do Rabaçal.

95


UMA DÉCADA EM REVISTA

96

Ferraria de São João Autarquia estuda recuperação de aldeia

Espaço Museu do Rabaçal inaugurado

A aldeia da Ferraria de São João está a ser alvo de um estudo para recuperação. A Câmara Municipal está a preparar uma candidatura para a recuperação desta aldeia no âmbito do III Quadro Comunitário de Apoio (III QCA), tendo em vista a concretização de uma Acção integrada de Base territorial que visa a criação da “Rede de aldeias de Xisto do Pinhal interior.” O projecto para a recuperação da Ferraria de São João visa a intervenção quer no espaço público quer no privado, e contempla acções no âmbito das infra-estruturas (remodelação da rede eléctrica, pavimentações, serviços em espaços exteriores - mobiliário urbano, pequenos equipamentos, aparcamentos, pontos de recolha de resíduos, espaços exteriores de vivência colectiva e serviços em espaços interiores), da sinalização e dos imóveis particulares (arranjo de fachadas, arranjo de coberturas, operações a realizar em vãos e outros arranjos que correspondam a necessidades básicas de habitabilidade).

O Espaço-Museu do Rabaçal foi inaugurado no passado dia 5 de Maio. No museu encontram-se grande parte do espólio e achados da Villa Romana do Rabaçal, devidamente restaurados e catalogados. À inauguração presidiu o Dr. Fernando Antunes, tendo o Professor Doutor Jorge Alarcão feito o lançamento do livro “Roteiro - Rabaçal, Aldeia Cultural”, da autoria do Dr. Miguel Pessoa, do Dr. Lino Rodrigues e da Dr.ª Sandra Santos, técnicos que têm dedicado grande entusiasmo à Villa Romana do Rabaçal. O local está aberto ao público com o seguinte horário: de 4ª a 6ª Feira - das 14h00 às 18h00 aos Sábados e Domingos, das 11h00 às 18h00.


ACONTECEU EM 2001...

Penela “Online” http://www.cm-penela.pt “Com esta página pretendemos divulgar a nossa terra, o nosso património, a nossa cultura e as nossas gentes...” É este o mote de abertura da página oficial da Câmara municipal de Penela na internet. A generalização da utilização das novas tecnologias tem evoluído de forma muito rápida, alterando o modo como as pessoas, vivem, trabalham, comunicam. A internet tem-se assumido como um meio privilegiado de comunicação e interacção, aproximando mais os cidadãos das instituições que os servem. É neste sentido que a Câmara Municipal de Penela a partir de agora tem disponível um site na internet que possibilita uma comunicação mais fácil com os cidadãos, residam eles no concelho ou em qualquer parte do mundo. Com este portal na internet, a autarquia quer dar a conhecer um pouco dos vários aspectos do concelho, ao nível do turismo, das suas potencialidades, das actividades que desenvolve, do que tem para oferecer... Pretende também informar e ouvir os munícipes de forma a responder melhor às suas necessidades e ansiedades. Este projecto é um projecto que não está acabado. O objectivo é manter este portal em constante desenvolvimento e actualização, adicionando-lhe conteúdos que respondam às necessidades de informação de todos os que nos procuram. Só assim poderá responder aos seus objectivos: constituir-se como meio privilegiado de contacto com os munícipes, fortalecendo o relacionamento entre órgãos autárquicos e todos aqueles que precisam dos nossos serviços. Poderá pois visitar o Concelho de Penela através do site: http://www.cm-penela.pt

Escolas do Concelho ligadas à Internet A autarquia aderiu ao Programa Internet nas Escolas, lançado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, e todas as crianças que frequentam o 1º CEB em Penela já podem “navegar” na net. Consciente da importância das novas Tecnologias da Informação na criação de uma sociedade moderna e competitiva, a Câmara Municipal de Penela aderiu ao Projecto Internet na Escola e todas as escolas do 1º CEB, foram equipadas com computadores multimédia com ligação à Internet.

97


UMA DÉCADA EM REVISTA

Inauguração do Parque Multiusos - Desporto, Cultura e Exposições O Parque Multiusos - Desporto, Cultura e Exposições foi inaugurado no dia 16 de Novembro, resultante da requalificação do antigo Pavilhão gimnodesportivo que há muito deixara de oferecer condições necessárias à prática das várias modalidades desportivas. Sendo o único espaço coberto existente no Concelho, assume-se como um equipamento fundamental na expansão das modalidades desportivas de interiores, para além de poder receber iniciativas culturais (concertos, teatros, cinema, etc.) e exposições diversas, estando já a funcionar em pleno nas aulas de Educação Física, das Escolas do 1º, 2º e 3º Ciclo, para além da utilização normal pelos vários grupos que ali se deslocam para a prática de Futsal. A assinalar a inauguração realizam-se diversas actividades desportivas (14 a 17 de Novembro): torneios com as escolas do 1º, 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico; torneio Triangular de Futsal; torneio de Ténis de Mesa; jogo do Campeonato Distrital de andebol de Juvenis (Clube Desportivo Penelense/Académica); Torneio de Remo Indoor; Torneio de Andebol - Iniciados; Torneio de Tiro com arco Indoor e o jogo da 2ª mão da Taça de Futsal da Associação de Coimbra em Juniores: Penelense/Santa Clara.

Renovação Gimnodesportivo de Penela - início das obras em Julho de 2001

Parque Multiusos - Desporto, Cultura e Exposições - inauguração em Novembro de 2002

Penela vai ter Biblioteca Pública

98

A autarquia de Penela assinou, em Setembro, o contrato-programa com o IPLB (Instituto português do Livro e das Bibliotecas), no âmbito do Programa da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas. O objectivo deste contrato programa é dotar Penela de equipamentos culturais aptos a prestar um serviço de leitura pública a toda a população independentemente da idade, profissão, nível educativo ou socioeconómico. A construção do edifício da Biblioteca e Auditório, encontra-se em fase de concurso público. A obra será co-financiada pelo IPLB em 50% dos custos de construção, aquisição de equipamento, mobiliário, fundos documentais e informatização da Biblioteca, ficando os restantes 50% a cargo da Câmara Municipal.


ACONTECEU EM 2002 ...

Praça da República foi inaugurada Concluídas as obras de requalificação, foi inaugurada, em Setembro, a Praça da República. Esta intervenção inserida num conjunto de políticas que têm vindo a ser desenvolvidas pela autarquia com o objectivo de melhorar a qualidade de vida da população Penelense traduz-se na reformulação da plataforma superior da Praça, passando a ser impedida a circulação de automóveis, agora revalorizada com uma estátua do Infante D. Pedro, da autoria do Mestre João Cutileiro; na adaptação das escadas laterais o anfiteatro ao ar livre, proporcionando a animação do espaço através de espectáculos musicais, teatro e outras actividades culturais; e, finalmente, no reforço da acessibilidade entre a Rua de Coimbra e a plataforma intermédia (onde se encontra o restaurante D. Sesnando), eliminando-lhe as barreiras arquitectónicas com a criação de uma passadeira no interior do jardim. As comemorações fizeram parte de um conjunto de actividades denominadas: “Setembro Cultural”. Após breve alocução, no salão nobre dos Paços do Concelho, sobre a vida e obra do Infante D. Pedro, pelo Professor Doutor Alfredo Pinheiro Marques, os munícipes puderam assistir a um belo espectáculo Musical com o “Workshop” de Jovens de várias filarmónicas da região centro.

99


UMA DÉCADA EM REVISTA

Villa romana do Rabaçal - Reconhecimento Internacional pelo World Monument Fund Foi a 1 de Outubro passado que surgiu na comunicação social à escala mundial, a lista dos 100 sítios em perigo, reconhecidos pela importância do seu valor patrimonial pelo World Monment Fund – uma organização privada, sem fins lucrativos, criada em 1995 para colaborar na conservação do património artístico e arquitectónico, a nível mundial. A intenção da Câmara Municipal de Penela e da Associação de Amigos da Villa Romana do Rabaçal ao candidatar-se a este Fundo Internacional, visa angariar apoios financeiros e técnicos para as diversas obras de recuperação (coberturas, estruturas e restauro dos mosaicos), bem como projectar à escala mundial, esta nossa riqueza patrimonial, até aqui sempre subvalorizada por alguns poderes públicos.

100


ACONTECEU EM 2003 ...

Concelho de Penela recebeu o Presidente da República Jorge Sampaio visitou pela primeira vez o Concelho de Penela no âmbito da “Presidência Aberta” no distrito de Coimbra. A primeira etapa do chefe de estado, por terras Penelenses, iniciouse no coração da aldeia do Rabaçal, numa curta visita ao EspaçoMuseu da Villa Romana. Em seguida, o Presidente da República partiu para a Vila de Penela onde foi recebido pela Guarda de Honra dos Bombeiros Voluntários de Penela ao som do Hino Nacional executado pela Filarmónica Penelense. Depois de uma caminhada pelo Castelo, onde Jorge Sampaio pôde desfrutar da magnífica vista panorâmica da paisagem, o Presidente da República dirigiu-se à Praça da República onde dirigiu algumas palavras aos inúmeros Penelenses ali presentes. Esta visita de Jorge Sampaio ao Concelho de Penela foi de grande importância na divulgação deste Portugal que passa para além da cidade e do litoral – o outro lado tantas vezes esquecido... tantas vezes ignorado, mas... que existe! Tem pessoas! Tem valores genuínos! Tem identidade!

Penela e Morcone - Geminação “é um precioso instrumento de solidariedade entre povos”

Vila de Penela

Morcone

O Feriado Municipal foi marcado pela assinatura de um protocolo de intenções para a geminação entre Penela e Morcone, uma pequena cidade Italiana que apresenta uma configuração urbanística espraiada na encosta de uma colina que em tudo se assemelha à nossa vila de Penela. Foi na Sessão Solene que José Carlos Reis e o seu homólogo Italiano assinaram o documento, seguindo-se no próximo ano a formalização da geminação. É na ideia de partilha de culturas e conhecimentos, bem como, na união de pessoas e comunidades que o Presidente da Câmara Municipal de Penela pretende assentar esta geminação.

101


UMA REVISTA EM DÉCADA

Obras de recuperação e beneficiação no Castelo de Penela O IPPAR – Instituto Português do Património Arquitectónico, em colaboração tripartida com a Câmara Municipal (acessos, parqueamento e fornecimento de projectos) e a Paróquia de S. Miguel (igreja, casa e terrenos) iniciaram uma nova intervenção no Castelo de Penela. A intervenção prevista no Castelo de Penela (3ª fase) insere-se na componente desconcentrada da Cultura do Programa Operacional da Região Centro – 3.9 do Eixo III e é a continuidade de outras duas fases anteriores que foram objecto de financiamento comunitário no âmbito do QCAII (PRODIATEC). Pretende-se na actual intervenção, melhorar a recepção aos visitantes, proporcionando novas condições de acessibilidade e acolhimento, complementadas por um melhor aproveitamento do recinto interior. Áreas da intervenção: - Arranjo das vias envolventes do Castelo: pavimentação em calçada à portuguesa, introdução de drenagem, de sebe viva e iluminação; - Arranjo dos percursos pedonais exteriores do Castelo: limpeza e estabilização do terreno e introdução de sebe viva; 102

- Recuperação dos pavimentos existentes nos acessos e no interior do Castelo: limpeza, substituição das pedras danificadas e reposição de gravilha; - Arranjo de espaços com carácter de permanência: execução de patamares pavimentados em calçada à portuguesa, no espaço a poente da entrada superior do castelo, introdução de revestimento a gravilha no espaço arborizado contíguo à Porta da Traição e no maciço rochoso junto à Brecha das Desaparecidas que contém os depósitos de água, os quais serão também objecto de impermeabilização; - Intervenção em parte dos panos de muralha exteriores e de alguns interiores: arranque de ervas, limpeza de silhares e consolidações; - Colocação de portões para controlo de entrada de visitantes, correntes para condicionamento ao acesso de viaturas, permitindo uma melhor gestão do património e das actividades que aí se realizem; - Recuperação exterior da igreja; - Recuperação exterior e interior das instalações sanitárias e arranjo da área envolvente; - Introdução de um posto de informações, junto à entrada superior (Brecha das Desaparecidas); - Introdução de sinalética: painéis contendo informações de localização que, complementados com um desdobrável contendo notícia sobre a História e a Arquitectura, constituirão importantes contributos para a compreensão do Monumento; - Demolição do anexo à Casa Paroquial: intervenção arquitectónica visando a sua recuperação e reconversão parcial em Espaço Museológico, em conjunto com a cisterna existente, permitindo, simultaneamente, novos enfiamentos visuais de e para a Igreja de S. Miguel.


ACONTECEU EM 2004 ...

Secretário de Estado inaugura duas infra-estruturas No dia 29 de Setembro, o Secretário de Estado Adjunto e da Administração Educativa, José Canavarro, presidiu à inauguração do edifício da antiga escola primária de Penela e do Pavilhão Desportivo do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, em cerimónia que contou com a presença de diversas entidades da região, em particular, o Governador Civil de Coimbra, Dr. Fernando Antunes e a Directora Regional da Educação do Centro, Drª. Lurdes Cró. A adaptação do edifico da antiga Escola Primária de Penela a Jardim de Infância foi co-financiada pela autarquia Penelense e pela DREC no âmbito do Programa de Preservação e Salvaguarda do Património Escolar e veio, segundo o Presidente da Câmara, “colmatar uma falha em termos de equipamento para esta classe etária”. Ainda segundo o autarca, o Pavilhão Desportivo, “que é uma mais valia para o Concelho”, foi construído de raiz e financiado pela DREC, com a participação da autarquia que cedeu o terreno. Duas novas infraestruturas que oferecem mais e melhores condições à população escolar do Concelho.

Parque de Máquinas O Parque de Máquinas Municipal pretende dotar a Câmara de instalações necessárias à sua actividade: estaleiro, armazém, parque de viaturas e máquinas, oficinas, gabinete para médico de trabalho, sala de reuniões, vestiários/ instalações sanitárias; canil com gabinete para veterinário e sala de tratamentos. VALOR DA OBRA: 478 219,94€

Parque de Máquinas Municipal

Biblioteca e Auditório A Biblioteca e Auditório Municipal são outras das novas infra-estrutura que a Câmara Municipal de Penela deseja brevemente colocar à disposição de todos os municípes. Com estes equipamentos pretende-se contribuir para um maior desenvolvimento cultural do Concelho. VALOR DA OBRA: 1 420 346,70€

Biblioteca e Auditório Municipal

Escola Tecnológica e Profissional do Sicó - Penela Face à exiguidade das actuais instalações do Polo de Penela, face a importância do ensino técnicoprofissional no contexto actual da educação em Portugal e, face à necessidade da existência de uma escola com níveis de ensino equivalentes ao terceiro ciclo, a Câmara Municipal, conjuntamente com diversas entidades públicas e privadas, dota o Concelho com uma infra-estrutura vocacionada para a educação. VALOR DA OBRA: 1 076 386,10€

Escola Tecnológica e Profissional do Sicó - Polo de Penela 103


UMA DÉCADA EM REVISTA

Reforço da qualidade do serviço de abastecimento de água Consolidada que está a expansão da rede domiciliária de abastecimento de água, a Câmara Municipal de Penela pretende contribuir para a excelência do serviço prestado, assegurando a qualidade da água e do funcionamento das redes existentes e aumentando as capacidades de reserva, dando continuidade ao objectivo de responder, eficazmente, às necessidades de consumo da nossa população. O ano de 2004 ficou marcado pela remodelação e reforço da rede de abastecimento de água, com a substituição de condutas, construção de novos reservatórios, aquisição de novos filtros, remodelação do sistema de bombagem, bem como a execução de alguns trocos de tubagem necessários à interligação do sistema existente. Querendo dar continuidade a estes trabalhos que visam, dar mais e melhor às “gentes” do Concelho, a autarquia construiu recentemente dois novos reservatórios de água nos Fetais Cimeiros e Vieiros, fez a reparação do reservatório dos Carvalhinhos e adquiriu dois novos depósitos de água em INOX para as localidades de Legacão e Casal Ruivo. De salientar que cerca de 6.574 pessoas são servidos pela rede de água. 104


ACONTECEU EM 2005 ...

Obras na Escola da Cumieira garantem qualidade de ensino

Escola Tecnológica e profissional de Sicó Penela ganha novo equipamento escolar

A educação é um universo onde reside um grande esforço de investimento da Câmara Municipal de Penela, assumindo um novo conceito de Escola que não se esgota na Sala de aulas. Assim, os novos projectos, para além das valências tradicionais de ensino, incluem novos refeitórios, espaços lúdicos, zonas verdes e campos de jogos. A Escola Primária da Cumieira foi alvo da última intervenção a este nível. Esta obra visou colmatar as deficiências e patologias existentes ao nível do edificado bem como dotar o edifício das capacidades que lhe permitam satisfazer, hoje, as necessidades dos seus alunos. Concluídas as obras, a escola primária sofreu duas grandes alterações: a construção de um novo edifício de apoio com vista à criação de novos espaços funcionais (um refeitório composto por copa e sala de refeições, uma sala de prolongamento de horário, novas instalações sanitárias, arrumos e um gabinete para professores); e a reparação e beneficiação do edifício da escola primária.

Depois de longos anos em instalações adaptadas, cedidas pela Câmara Municipal, o Pólo de Penela da Escola Tecnológica e Profissional de Sicó iniciou o ano lectivo em novas instalações, propositadamente construídas para o efeito nas imediações da Escola Básica integrada, da Biblioteca e do Auditório Municipal. Os alunos, os professores e os demais colaboradores daquele estabelecimento de ensino dispõem agora dum espaço inundado de luz natural, com novas salas de aula, gabinetes de trabalho, refeitório, sala de informática, laboratório, etc. Esta obra foi possível realizar-se graças ao esforço financeiro desenvolvido pela Sicó-Formação SA (entidade proprietária da Escola) e pelo Município de Penela, já que a comparticipação obtida dos fundos comunitários foi diminuta face ao investimento ali efectuado, que ultrapassou 1 milhão de euros.

105


UMA DÉCADA EM REVISTA

1º Fórum de Desenvolvimento em Penela

Prof. Doutor António Borges participou no debate

Louçainha - Reabilitação da Praia Fluvial e Restaurante A Praia Fluvial da Louçainha e o seu Restaurante, após significativas obras de reabilitação, estão em pleno funcionamento desde o passado dia 8 de Julho. Este equipamento estruturante na oferta turística do nosso Concelho foi objecto de melhoramentos ao nível dos balneários, do Parque de Merendas, do Restaurante e, também, de todo o espaço das Piscinas O objectivo da requalificação está inserido na valorização estratégica de vários pontos do nosso Concelho, integrando-os no roteiro turístico municipal. 106

No dia 11 de Novembro, no Auditório Municipal mais de uma centena de pessoas participou no 1º Fórum do Desenvolvimento do Município de Penela, onde o desenvolvimento económico e as potencialidades do nosso Concelho foram debatidas. De manhã, no 1º painel moderado pelo Dr. Pedro Machado (Presidente da Região de Turismo do Centro), “A importância do Património no Desenvolvimento Turístico-cultural do Concelho de Penela”, foi tratado pelo Prof. Doutor Lúcio Cunha (Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (UC), Prof. Doutor Fernando Guerra (Pró-REitor da UC) e Prof. Doutor Pedro Saraiva (SPI - Sociedade Portuguesa de Inovação). No período da tarde, no 2º painel moderado pelo Engº Paulo Júlio, as “Potencialidades Económicas do Concelho de Penela“ foram dissecadas pelos prof. Doutor Lopes Porto (Faculdade de Direito da UC), Dr. Armindo Monteiro (Presidente da Associação de Jovens Empresários), Engº Paulo Canha (Presidente da ACIC) e Prof. Doutor António Borges (Vice-Presidente da Goldman Sachs). A sessão de abertura contou com a presença do representante do Governador Civil de Coimbra e do Director Regional de Economia e a sessão de encerramento teve a participação do Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Prof. Doutor Alfredo Marques.


ACONTECEU EM 2006...

Ferraria de São João... uma aldeia em transformação Entrar, hoje, na Ferraria de São João é descobrir um espaço em mutação. O estado de adormecimento em que se encontrava a aldeia está a dar lugar a um espaço de encontro de gerações e culturas, onde se desfrutam espaços, onde se cruzam pessoas, onde se convive e vive. Estes são os resultados, que começam já a ser visíveis, de uma operação de reabilitação urbana que se encontra a decorrer e que tem como grandes objectivos: preservar a identidade local, estimular a auto-estima das populações, promover o desenvolvimento da economia local e a qualidade de vida dos habitantes. Localizado na Freguesia da Cumieira, o aglomerado urbano espraiase adoçado a uma encosta exposta a poente, com largas vistas sobre um vale e protegido por uma crista quartzitica no lado oposto. As construções são de natureza simples, como as suas gentes, executadas com as matérias disponíveis nas redondezas – o xisto, o calcário, o quarzito, o barro, a madeira,... são o reflexo de hábitos, costumes, tradições. A potencialização deste património humano, construído e natural promoveu já a atracção de novas pessoas à aldeia e possibilitou o aparecimento de projectos de valorização/dinamização deste espaço rural enquanto espaço cultural, de recreio e lazer. A operação de reabilitação urbana que está a decorrer na Ferraria de São João tem por base um Plano de Aldeia - projecto que foi candidatado e aprovado no

âmbito do QCA III - PROGRAMA OPERACIONAL DO CENTRO- EIXO II - ACÇÕES INTEGRADAS DE BASE TERRITORIAL e visa, para além da recuperação e revitalização urbana da aldeia, a sua integração numa rede de aldeias serranas com potencial turístico denominada “Aldeias do Xisto”. Este projecto alargado insere-se na Acção Integrada de Base Territorial do Pinhal Interior e encontra-se a decorrer em cerca de 23 aldeias distribuídas por 13 concelhos. Este programa de financiamento previu intervenções de âmbito público e privado. No que se refere à componente pública, encontram-se em fase final de execução as obras de Remodelação da Rede Eléctrica, Remode-lação da Rede de Água e Requalificação Urbana de Espaços Públicos (Pavi-mentações, Qualificação do Largo Central, Rede de Drenagem de Águas Pluviais). Estão ainda previstas, a este nível, operações de revitalização do aglomerado, das quais destacamos: O Museu Vivo; O Centro Polivalente de Cultura e Recreio; O Parque Verde de Lazer; Ao nível da componente privada encontram-se já executadas as obras em quatro construções destinadas a Habitação, outras onze já receberam luz verde para avançar e estão a ser preparadas candidatu-ras para cerca de mais 18 construções.

Castelo de Penela reabre mais atractivo Renovado e mais atractivo, o Castelo de Penela reabriu no dia 17 de Junho, após obras de recuperação e beneficiação, com um concerto de Pedro Barroso. As obras de recuperação e beneficiação, da responsabilidade da Instituto Português do Património Arquitectónico, em colaboração com a Câmara Municipal e a Diocese de Coimbra, desenvolvidas em três fases, visaram melhorar o acolhimento aos visitantes e um melhor aproveitamento da fortificação enquanto valor acrescentado para o desenvolvimento do concelho e da região. Nesta última fase procedeu-se ao arranjo das vias envolventes, dos percursos pedonais exteriores ao Castelo e à remodelação da iluminação. Foram também realizados trabalhos de consolidação das muralhas, colocados portões, condicionado o acesso de viaturas e introduzida sinalética informativa.

107


UMA DÉCADA EM REVISTA

Fim-de-semana da juventude – Penela em grande!

Presidente da Assembleia da República visita Vila do Espinhal nas comemorações do seu centenário O Espinhal comemorou o centenário da sua elevação a Vila. De 23 de Junho a 16 de Julho, os Espinhalenses e visitantes puderam reviver histórias e abraçar contos passados. O programa arrancou no dia 23 de Junho, com a recepção à Comissão de Honra, seguida da Abertura Oficial das Comemorações do Centenário de Elevação a Vila e encerrou a 16 de Julho, data em que se completaram os 100 anos de elevação do Espinhal a vila. Momento grande das comemorações, este dia ficou registado em painel comemorativo junto à Igreja Matriz, foi palco de uma excelente recriação da entrega da carta de elevação a vila e teve o seu momento alto com a sessão solene presidida pelo Presidente da Assembleia da República, Dr. Jaime Gama, que fez questão de enaltecer a prosperidade da Vila do Espinhal e do Concelho de Penela. Depois da missa em honra de todos os espinhalenses falecidos, foram encerradas as comemorações com o jantar do centenário aberto a todos os presentes e um espectáculo musical com o grupo de cordas e cantares “Coimbra Menina e Moça”.

Carta Educativa de Penela, pensar o futuro... Através de protocolo de colaboração com a Faculdade de Coimbra efectuou-se um levantamento das características físicas e funcionais de todos os equipamentos escolares na dependência do município do Penela, que culminou na produção de fichas de caracterização individualizadas. O que é a carta educativa de Penela? É uma base de dados georeferênciada que permite actualizar dados de forma permanente. É assim que se pode definir a Carta Educativa de Penela, uma ferramenta de trabalho para o Pelouro da Educação. Qual o seu objectivo? A partir do mapa do Concelho, o utilizador tem acesso a um conjunto alargado de dados sobre determinada escola, como por exemplo, o número de alunos, as características físicas e humanas. O objectivo é que, quando surja um problema numa escola, a carta se revele um documento de utilidade imediata, que permita a resolução ou a tomada de decisões acertadas. 108


ACONTECEU EM 2006...

Biblioteca Municipal e Auditório O Feriado Municipal, 29 de Setembro, foi apadrinhado pela Senhora Ministra da Cultura, Isabel Pires de Lima, que inaugurou a Biblioteca Municipal e o Auditório agora com a valência acrescida de Sala de Cinema.

Câmara adere às actividades de enriquecimento escolar

A Hora do Conto... todos os Sábados

O Município está a assegurar o pleno funcionamento do programa de Actividades de Enriquecimento Curricular aos alunos dos 4 Anos do Ensino Básico, com o ensino de Inglês, Música e Educação Física, proporcionando novas oportunidades de aprendizagem aos alunos do nosso Concelho. Não obstante o programa lançado pelo Ministério da Educação (Programa de Alargamento e Generalização das Actividades de Enriquecimento Curricular) determinar o ensino de inglês apenas para os 3º e 4º anos, a autarquia de Penela optou por alargar esta disciplina também ao 1º e 2º anos, assumindo a contratação dos Professores e auxiliares da acção educativa, bem como, todos os encargos com os transportes necessários.

Desde o início de 2006 que se realiza todos os Sábados, das 10h30 às 12h30, a Hora do Conto dirigida ao público infantil do concelho. Tendo como objectivo a promoção do livro e da leitura junto dos mais pequenos, a Biblioteca Municipal prepara semanalmente actividades de dramatização de histórias infantis alusivas a temáticas actuais. A Hora do Conto é uma actividade com uma importância crucial para o despertar da curiosidade pelos livros desde a mais tenra idade, permitindo contribuir para que muitas das crianças sejam, num futuro próximo, bons leitores. Acreditando que o livro tem a capacidade de transformar quem o lê, cremos que todo o trabalho na área de promoção da leitura é prioritário, contribuindo assim para o crescimento de futuros adultos bem formados, esclarecidos e, sobretudo, felizes...

109


UMA DÉCADA EM REVISTA

I Mostra de Produtos Endógenos e Festa da Gastronomia Quatro dias foram o suficiente para acolher todos os amantes da boa gastronomia, das tradições e do património histórico. Entre os dias 22 e 25 de Abril o Parque Multiusos quase foi pequeno tal o número de comensais que fez questão de dizer presente à I Mostra de Produtos Endógenos e Festa da Gastronomia. Idealizada como espaço privilegiado de valorização e promoção dos produtos certificados do concelho e da região e, em simultâneo, como uma oportunidade de devolver autoestima às populações, este evento constituiu-se como um momento ímpar de demonstração colectiva de uma enorme capacidade de organizar e realizar. Para além dos produtrores/expositores de produtos endógenos, a Mostra teve o seu expoente máximo no excelente desempenho das diversas associações culturais que, em colaboração com as respectivas Juntas de Freguesia, assumiram o funcionamento das seis tasquinhas (uma representando cada freguesia) e souberam recriar alguns dos pratos mais tradicionais da nossa gastronomia, incluindo alguns que praticamente já haviam caído em desuso. Cerca de 6.000 visitantes tiveram à sua disposição 31 expositores, além das seis tasquinhas - uma de cada freguesia do concelho (Cumieira, Stª Eufémia, S. Miguel, Podentes, Espinhal e Rabaçal) que serviram almoços, jantares, lanches, petiscos... O balanço final é claro: Somos capazes de fazer BEM! Quando temos um objectivo comum - a nossa Terra... quando somos capazes de dar as mãos, juntar saberes e... servir... ficamos todos - instituições e população em geral com uma certeza: Temos Futuro!

110

Tasquinha da Cumieira

Tasquinha de S. Miguel

Tasquinha de St.ª Eufémia

Tasquinha de Podentes

Tasquinha do Espinhal

Tasquinha do Rabaçal


ACONTECEU EM 2006...

1º Fórum Educação de Penela foi um sucesso Nos dias 11 e 12 de Setembro, realizou-se, no Auditório Municipal, o 1º Fórum Educação do Concelho de Penela. Participaram cerca de 100 professores dos vários níveis de ensino e provenientes do Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, Escola Tecnológica e Profissional de Sicó e CERCI Penela e, naturalmente, autarcas que representaram as várias juntas de freguesia, Assembleia e Câmara Municipal. O Fórum Educação permitiu cumprir vários objectivos, a

saber: integração dos novos professores na realidade sócio-económica do Concelho; apresentação, exposição e discussão da carta educativa à comunidade escolar; afirmação da temática de Educação como a base do desenvolvimento dum território, neste caso, do Concelho de Penela. Foi uma Jornada de convívio e de conhecimento do Concelho de Penela, no primeiro dia, com a visita à aldeia de Ferraria de São João, integrada na rede de Aldeias de Xisto e ao Museu da Villa

romana do Rabaçal. O segundo dia, foi por sua vez, caracterizado pela discussão de vários temas importantes, conforme o programa (ver caixa), e contou com a participação de vários ilustres oradores, destacando-se o Professor Doutor Pedro Saraiva (ex – Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Regional do Centro), o Professor Doutor José Manuel Canavarro (exSecretário de Estado da Educação), o Professor Doutor António Rochete (Coordenador da

Carta Educativa e Professor da Universidade de Coimbra), Dr. Fernando Antunes (Deputado da Assembleia da República e Membro da Comissão Parlamentar de Educação) e a Drª Margarida Gomes (Coordenadora do Programa Nacional Eco-Escola). Em resumo, foi uma excelente iniciativa que permitiu juntar todos os responsáveis pela Educação das nossas crianças e jovens, bem como reflectir a sua importância no futuro do Concelho.

111


UMA DÉCADA EM REVISTA

Câmara une esforços com Universidade de Coimbra No dia 3 de Março, no Salão Nobre do Município, foi assinado um protocolo de cooperação entre a Câmara Municipal e a Universidade de Coimbra (UC). Este documento prevê a definição de formas e domínios preferenciais de relacionamento e colaboração entre estas duas instituições, devendo ser complementado por planos concretos de intervenção ou acordos específicos em cada uma das áreas definidas, que são: divulgação de informação e promoção de iniciativas científicas, culturais e empresariais; actividades científicas relacionadas com as áreas de turismo, produtos endógenos, infra-estruturas, actividades culturais e de formação; actividades de inovação e transferências do saber; realização de estágios e colocação de licenciados, mestres e doutores no mercado de trabalho. Já ao abrigo deste protocolo, nos próximos meses de Junho e Julho vão realizar-se o primeiro Curso de Empreendedorismo, coordenado pelo Gabinete de Apoio às Transferências do Saber da UC, e o Seminário Internacional de Arquitectura, organizado pelo Centro de Estudos de Arquitectura (CEARQ) da UC. Ainda no âmbito da cerimónia foi anunciada a composição do Conselho de Acompanhamento Estratégico do PD-ICE e instalado o Conselho Consultivo do PD-ICE, que será presidido pelo Prof. Doutor António Borges e integra os Professores da UC, Pedro Saraiva (Vice-Reitor), Fernando Guerra, José António Bandeirinha e José Manuel Canavarro (Pró-reitores), António Rochette, Lúcio Cunha, Manuel Porto, Paulo Varela Gomes e Traça de Almeida, e ainda Pedro Machado (Presidente da Região de Turismo do Centro), Almeida Henriques (Presidente do Conselho Empresarial do Centro), Prof. Doutor António Pedro Pita (Delegado Regional da Cultura), Engº. Paulo Canha (Presidente da Associação Comercial e Industrial de Coimbra), Engº. Armando Carvalho (Coordenador da AIBT do Pinhal Interior), Eng.º Francisco Pegado (Delegado Regional da Economia), Dr. Ernesto Paiva (DREC) e Engº. Tadeu Henriques (Delegado Regional do IPPAR).

112


ACONTECEU EM 2007...

PD-ICE aponta novos caminhos para Penela O Turismo Cultural, os Produtos Endógenos e o Património são valores de real importância para o desenvolvimento do nosso Concelho A Câmara Municipal apresentou, no dia 5 de Janeiro, no Auditório Municipal, o Programa Director de Inovação, Competitividade e Empreendedorismo (PD-ICE) para o Município de Penela, produzido pela SPI – Sociedade Portuguesa de Inovação. Para além de fazer um diagnóstico ao Concelho de Penela, apresentar quais as oportunidades de desenvolvimento e quais as linhas estratégicas, o PD-ICE especifica mesmo as áreas de actividade onde faz sentido apostar e apresenta uma carteira com 14 projectos mobilizadores. A metodologia definida deste projecto implicou um trabalho minucioso de recolha de dados, através da realização de workshops, entrevistas, mergulho no território, reuniões de trabalho, estudos de casos no Concelho, pesquisa bibliográfica e estatística e análise de boas práticas a nível nacional e internacional. A visão estratégica para a inovação, competitividade e empreendedorismo suporta-se em três linhas de orientação estratégica: 1 - Dinamização de base económica, promovendo parcerias entre os agentes económicos, considerando como sectores estratégicos e prioritários as indústrias associadas aos produtos endógenos (Agro-alimentar, Farmácia, Medicina, Cosmética, Nutrição), o Turismo (Património/Cultura/Ambiente), a Exploração Florestal e as Energias Alternativas; 2 – Consolidar novos factores competitivos centrados na educação e formação, criando uma cultura ICE, considerando as prioridades de abrir a “escola” ao meio envolvente, fomentar o fluxo de informação sobre as novas necessidades do tecido empresarial e as novas tecnologias de acesso à informação e fomentar a cooperação institucional; 3 – Valorizar o território como suporte de desenvolvimento, assumindo que, sendo fundamental reforçar o enfoque no imaterial, não se pode negligenciar a qualidade dos territórios como factor complementar de criação de Inovação, Competitividade e Empreendedorismo. O Estudo permitirá que o Município de Penela possa formular candidaturas de projectos temáticos e estruturantes ao próximo Quadro Comunitário de Apoio, conhecido como Quadro de Referência Estratégica Nacional (2007 -2013). 113


UMA DÉCADA EM REVISTA

CyberCars nas ruas de Penela A Câmara Municipal de Penela, em parceria com o Laboratório de Automática e Sistemas do Instituto Pedro Nunes de Coimbra (IPNlas), promoveu no dia 3 de Março, no Centro Histórico de Penela, uma demonstração de um sistema cibernético de transporte – os CyberCars. Estes veículos de baixo ruído que não poluem e não necessitam de condutor, orientando-se por um fio eléctrico, colocado no piso, permitindo a sua navegação com precisão, mostraram às nossas “gentes” as potencialidades destes veículos que, apesar de uma lotação esgotada a quatro pessoas, conseguem chegar a todo o lado. Entre a Praça da República e o Castelo de Penela, centenas de Penelenses não deixaram escapar esta oportunidade para experimentar aqueles que serão o transporte do futuro.

114

40 Arquitectos em 10 dias... Apontam ideias para o futuro da vila de Penela! Num território fortemente marcado por séculos de história e de memórias, reflectir sobre as potencialidades abertas à transformação e ao crescimento foi o desafio proposto pelo Centro de Estudos de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) e pela Câmara Municipal a cerca de 40 arquitectos. O WAP – Workshop de Arquitectura de Penela, realizado nos últimos dez dias do mês de Julho, teve como mote o estudo de propostas de crescimento para a vila de Penela sustentadas no binómio inovação/ modernidade. Registe-se que na orientação deste Workshop estiveram alguns nomes consagrados da arquitectura nacional e ibérica, como sejam o galego Alfonso Penella e os portugueses Carrilho da Graça, José Gigante, coordenados por Alexandre Alves Costa.


ACONTECEU EM 2007...

Penela Presépio 07 De 8 de Dezembro a 6 de Janeiro cerca de 50.000 pessoas deslocaram-se a Penela para visitarem o maior Presépio animado do País, integrado naquele que foi o maior evento alguma vez realizado no nosso concelho. Tivemos a capacidade de sonhar e de realizar no nosso concelho o principal evento de Dezembro na Região Centro, o que também contribuiu para o êxito da iniciativa e, consequentemente, para a promoção e projecção da marca Penela a nível nacional. Este evento desenvolveu-se no Castelo de Penela (presépio animado, representações cénicas pelo grupo de teatro Vivarte) e na Praça da República, com um conjunto de equipamentos para os mais novos (os insufláveis, o mini-golf, e a pista de patinagem “Play Ice”). Pensado para promover o concelho, o Penela Presépio aumentou a nossa auto-estima, na medida em que veio demonstrar que somos capazes de fazer bem, ao mesmo tempo que constituiu um factor de dinamização do comércio tradicional, com particular incidência na restauração. Esta importância para a economia local é reconhecida no inquérito efectuado pela UAC-Dueceira aos comerciantes.

Visita de D. Ximenes Belo a Penela No âmbito do Penela Presépio 07, D. Ximenes Belo, Nobel da Paz em 1996, no dia 9 de Dezembro Penela, a acompanhá-lo estiveram: o Sr. Embaixador de Timor-Leste, Manuel Abrantes e o Sr. Embaixador da Indonésia, Francisco Lopes da Cruz. Durante a manhã, D. Ximenes Belo celebrou a Eucaristia na Igreja de S. Miguel e ainda antes de almoço, visitou o maior Presépio Animado de Portugal, uma obra que considerou de uma beleza extrema e onde fez questão de deixar a sua “marca” no livro de visitantes. Durante a tarde, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Penela, toda a comitiva foi recebida pelos Munícipes e respectivos autarcas, numa sessão solene em que a Solidariedade foi o tema principal, uma vez que foi entregue a D. Ximenes Belo um cheque no valor de 500€ (quinhentos euros), pela empresa Lucio’s, um dos patrocinadores do Penela Presépio 07, para ajudar a construir uma escola em Timor-Leste, em Suai, na Paróquia de Nossa Sra. De Fátima. No final deu os parabéns ao Município de Penela e agradeceu o convite que lhe foi endereçado para estar entre Penelenses.

115


UMA DÉCADA EM REVISTA

Duecitânea, Hotel na Quinta da Ponte do Espinhal O projecto Duecitânia que será desenvolvido na antiga fábrica de papel da Ponte do Espinhal, integra um hotel de quatro estrelas, com SPA, piscinas, jardins e vários espaços temáticos em que a influência romana estará presente, por força da proximidade com a Villa Romana do Rabaçal. Trata-se de um investimento privado que ronda os 3,5 milhões de euros que vem preencher a lacuna do alojamento turístico no concelho. O complexo prevê três valências (hotel, campo de férias e parque de campismo) com características específicas, mas que podem complementarse e gerar sinergias.

GPUP - Gabinete de Planeamento Urbanístico e Projectos A Câmara Municipal investe na qualidade dos seus técnicos para produzir projectosa de intervenção no território. A criação do GPUP veiopermitir, nomeadamente: acompanhar e elaborar a revisão de Planos Municipais de Ordenamento do Território e de outros instrumentos e estudos ao nível do planeamento urbano e gestão territorial; acompanhar e/ou executar projectos de obras de iniciativa municipal; acções de Reabilitação Urbana, Gestão do Centro Histórico e salvaguarda do Património construído, entre outros.

Apresentação da Carta Social A Carta Social do Município foi apresentada no dia 5 de Dezembro, no Auditório Municipal, pelo Prof. Doutor António Rochette, do Centro de Estudos Geográficos da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, o que faz do nosso concelho o segundo, dos dezassete do Distrito de Coimbra, a dispor deste importante documento. A Carta Social, para além de estabelecer o diagnóstico exaustivo e racional da nossa realidade social, assume-se como uma ferramenta indispensável à definição das estratégias de desenvolvimento do concelho, com particular incidência nas políticas de âmbito social mais estrito, de forma a garantir a canalização dos investimentos para sectores onde serão de maior utilidade e rentabilidade social.

116


ACONTECEU EM 2008...

Novo Gabinete apoia a Agricultura

Esquio e Pessegueiro, do problema à oportunidade

O Gabinete de Desenvolvimento Rural – GADRU é o novo serviço criado pelo Município para apoiar as actividades empreendedoras do sector agrícola e agro-alimentar, com o objectivo de promover o crescimento agro-económico do Concelho, numa perspectiva de desenvolvimento global. A sua principal missão é dinamizar o tecido agrícola e agro-alimentar do Concelho, aconselhar os agricultores sobre a aplicação das normas e boas práticas no processo produtivo, bem como – numa óptica de promoção, facilitação e valorização – prestar todo o apoio aos empreendedores na formação de empresas e na promoção de parcerias.

35 milhões de euros para requalificar duas aldeias abandonadas em plena Serra do Espinhal, colocam o concelho de Penela no topo do investimento turístico em toda a área do Pinhal Interior Norte. Com este empreendimento, a empresa Prolote estima investir 35 milhões de euros para converter as aldeias do Esquio e Pessegueiro em estâncias de uso turístico e cultural, num projecto que prevê, entre outras valências a instalação de uma telecadeira até ao S. João do Deserto. Trata-se do maior investimento privado na área do turismo de natureza na região, que deverá estar concluído em 2011, tendo em conta a dimensão do projecto, que integra cerca de 80 habitações, 45 no Esquio e 35 no Pessegueiro.

Associação Portuguesa de Medicina Preventiva aposta na Obra do Dr. Bacalhau O Centro de Bem-Estar do Espinhal, é uma unidade Turística de Saúde que se irá instalar nos vários Edifícios da Obra do Dr. Bacalhau. Nesta unidade de Turismo de saúde, serão leccionados hábitos saudáveis de vida, com consultas médicas, programas de exercício físico acompanhado, alimentação vegetariana saudável, hidroterapia, massagem e outras modalidades terapêuticas do foro da medicina física e reabilitação, aulas diárias sobre temas de saúde, acompanhamento emocional e espiritual. Este projecto incluirá um total de 25 quartos, consultórios médicos, gabinetes de fisioterapia e hidroterapia, sala de conferências, um restaurante vegetariano, piscina coberta para hidroginástica e Ginásio.

117


UMA DÉCADA EM REVISTA

Subsecretário de Estado da Administração Interna inaugurou Parque Desportivo e de Lazer na Quinta da Cerca O Parque Desportivo e de Lazer da Quinta da Cerca, no Espinhal, inaugurado, no dia 2 de Setembro, pelo Senhor Subsecretário de Estado da Administração Interna, Dr. Fernando Rocha Andrade, é um novo equipamento que veio colmatar uma lacuna naquela sede de freguesia ao nível das infraestruturas desportivas e das áreas de lazer. Com um investimento que rondou os cerca de 500 mil euros, comparticipado pelo III Quadro Comunitário de Apoio, este equipamento é constituído por um campo de jogos, balneários e espaço para instalação de um bar de apoio.

118

Avós de Penela na RTP 1

Percursos Pedestres “Viagens da Minha Terra”

A Câmara Municipal de Penela comemorou o “Dia dos Avós” proporcionando aos idosos do concelho uma viagem a Lisboa, no dia 26 de Julho, para participarem na emissão especial do programa “Praça da Alegria”, da RTP, dedicado aos “Avós de Portugal”. O programa apresentado por Jorge Gabriel, Sónia Araújo e Hélder Reis no Parque das Nações, contou com a actuação de alguns dos mais famosos artistas nacionais, tais como, Marco Paulo, Roberto Leal, António Calvário, Ágata, Toy, Quim Barreiros e José Malhoa, proporcionando a cerca de 420 “avôs” e “avós” do nosso Concelho um dia diferente.

De Abril a Junho o Gabinete de Acção Social da Câmara Municipal de Penela organizou as “Viagens da Minha Terra”, dirigido a toda a população do concelho com mais de 60 anos. Vários grupos percorreram caminhos do concelho, que a muitos trouxeram recordações e que apelaram a todos os seus sentidos e vivências.


ACONTECEU EM 2008...

Paulo Júlio recebe Prémio de Autarca Empreendedor do Ano A atitude empreendedora que o Município de Penela vem demonstrando no decurso do presente mandato foi reconhecida na 8.ª edição do Congresso Internacional de Capital de Risco e Empreendedorismo – VCIT, realizado em Abril, no Tagus Park, em Oeiras, com a atribuição do prémio Autarca Empreendedor do Ano ao Presidente da Câmara Municipal. Este foi o 3º ano em que este prémio foi entregue, sendo os anteriores galardoados os autarcas dos Municípios de Cascais em 2006 e do Município da Covilhã em 2007. O presidente da GesVenture, Francisco Banha, empresa que organiza o congresso e atribui o prémio Autarca Empreendedor do Ano, explicou que se trata de «premiar aqueles que fazem empreendedorismo sustentado e servem de exemplo aos outros». Francisco Banha justificou a escolha de Paulo Júlio por diversas razões. Desde logo pela iniciativa de, aos 35 anos, deixar o sector privado e apostar na administração pública na sua terra natal, mas também pelas medidas tomadas até agora, tais como a aposta no empreendedorismo nas escolas, todas elas apoiadas num plano estratégico perfeitamente definido. Francisco Banha referiu o cariz social de algumas medidas, como o sistema de mobilidade, o “Penela Presépio” e o Fórum de Desenvolvimento Económico. «Demonstrou que as coisas podem acontecer em municípios pequenos», afirmou, considerando que «é um privilégio para a população de Penela tê-lo como presidente». É, por isto, «um prémio justo e merecido», concluiu.

01

01 Francisco Banha e Paulo Júlio com o Prémio recebido 02 Prémio Autarca Empreendedor do Ano

02 119


UMA DÉCADA EM REVISTA

Curso de Empreendedorismo de Penela O I Curso de Empreendedorismo de Penela, promovido pela Universidade de Coimbra com o apoio da Câmara Municipal – o primeiro deste género leccionado fora das portas daquela Universidade, gerou, para já, quase uma dezena de novas ideias de negócio, numa clara demonstração do potencial existente. A culminar mês e meio de formação, na sessão de encerramento realizada no Salão Nobre do Município no dia 14 de Julho, alguns dos formandos apresentaram algumas ideias de negócio inovadoras em áreas como a produção em série de caixilharia de alumínio, o fabrico instalações sanitárias modulares para integrar na construção, a criação de unidades de turismo rural acessível, a implementação de um resort para idosos, ou a criação de uma empresa de soluções informáticas.

120

Empreendedorismo nas Escolas

Certificação de qualidade distingue a autarquia Penelense

Entre os dias 16 e 19 de Janeiro, professores do 1º, 2º e 3º ciclo do Agrupamento de Escolas de Penela participaram numa acção de formação para implementação do “Projecto de Empreendedorismo nas Escolas”, organizada pelo Município, pelo Agrupamento de Escolas e pela GesEntrepreneur, com o objectivo de habilitar estes docentes a facilitarem os conteúdos do currículo de Empreendedorismo aos seus alunos e aos restantes professores.

O Município recebeu no mês de Setembro, o certificado e a bandeira de qualidade, tornando-se assim, a primeira autarquia do distrito de Coimbra a ter o Sistema de Gestão de todos os serviços administrativos certificados de acordo com a Norma ISO 9001:2000. A atribuição deste certificado constituiu um momento muito importante para a história da autarquia, na medida em que ele significa a efectiva melhoria dos serviços numa lógica de “servir melhor” os munícipes. A certificação ISO 9001:2000 é passível de renovação de três anos em três anos, obrigando os serviços a um esforço adicional e desejável de manutenção dos padrões de qualidade agora certificados.


ACONTECEU EM 2008 ...

Programa ”Penela Jovem” Entrou em vigor a 1 de Janeiro de 2008 o Programa “Penela Jovem” com o objectivo de incentivar a fixação de jovens famílias e, assim, combater a baixa densidade demográfica através da concessão dos seguintes apoios: • O apoio à 1ª Infância consubstancia-se na concessão de um subsídio municipal a cada criança com idade até três anos, no valor de 20,00€, 25,00€ ou 30,00€ consoante se trate do 1º, 2º, ou 3º filho e seguintes, respectivamente. • O apoio à Habitação compreende a atribuição de um subsídio municipal no valor de 2.500,00€ a cada família que adquira ou construa habitação própria no concelho. Este projecto abrange todas as famílias residentes na área do município de Penela, ou que venham a residir e cujos elementos tenham até 35 anos de idade.

“Encerrado para Obras” dinamiza actividade cultural em Penela A Câmara Municipal de Penela e a Associação Cultural e Artística “Encerrado para Obras” assinaram um protocolo de colaboração com vista à residência artística daquele Grupo de Teatro. Durante este período, o “Encerrado para Obras” tem vindo a desenvolver as seguintes actividades: • Criação, produção, montagem e apresentação do projecto de teatro “Clones e Clowns”; • Realização da acção “Encenadores de Palmo e Meio”, projecto de captação de novos públicos, através do qual alunos das escolas do 1º Ciclo do Ensino Básico terão oportunidade de colaborar na montagem das produções que a companhia venha a criar em Penela; • Coordenação de um Curso de Iniciação Teatral dirigido às faixas etárias entre os 8 e os 16 anos de idade; • Realização de uma oficina de malabarismo. 121


UMA DÉCADA EM REVISTA

Mercado de Agricultura Familiar e Tradicional de Penela trouxe cheiros e sabores da terra, deliciando os visitantes. Com esta iniciativa o Município pretende devolver à agricultura tradicional e familiar o valor intrínseco que nunca perdeu e, em simultâneo, relembrar os consumidores das vantagens dos produtos tradicionais. “Isto é importante, porque assim ficamos a saber que vale a pena continuar a dedicarmo-nos à agricultura. Sentimos o nosso trabalho valorizado!” “Os produtos têm um sabor incomparável aos vendidos nos hipermercados e os preços não são elevados!” “Esta iniciativa é muito boa, estou muito contente, posso melhorar o cultivo das terras e, melhor ainda, estou a vender os produtos e a ter lucro!”

Mini habitat, um espaço para novas Empresas Após a sessão solene do Dia do Município foi inaugurado o Mini habitat de empresas, um espaço equipado com as condições de base necessárias para o acolhimento físico de novas iniciativas empresariais, tendo como principal objectivo apoiar a fixação de novas iniciativas empresariais.

122

Penela não Pára! Projecto inovador de mobilidade! Foi a partir de Março que o Município, em parceria com a Transdev, disponibilizou um novo serviço de mobilidade entre o Concelho e a cidade de Coimbra, onde o conforto dos passageiros e a rapidez das viagens são a grande aposta no sentido de atrair novos utilizadores e criar um novo conceito de transporte público que seja efectivamente uma alternativa à utilização de viatura própria.


ACONTECEU EM 2008...

Atrair novas iniciativas privadas Com o objectivo de atrair novas iniciativas privadas estão a ser desenvolvidos os projectos da Casa de Chá e do Edifício das Águas Romanas com o objectivo de captar novos investidores através da venda em hasta pública dos respectivos espaços com projecto aprovado. A Casa da Chá, prevista para o espaço entre a muralha poente do Castelo e o castelejo, que será reabilitado, prevê a construção de um edifício e plataforma para instalação de um espaço de café/bar. O Edifício das Águas Romanas, previsto para a parte norte do espaço envolvente ao Mercado Municipal de Penela, prevê utilização ao nível da habitação e do comércio, constituindo um importante elemento de complementaridade do Parque das Águas Romanas.

01

01 Casa de Chá 02 Edifício das Águas Romanas

02

PENELI – Plano de Pormenor prossegue O Parque Empresarial para Novas Estratégias de Localização de Investimento, designado de PENELI PARK, é o novo Parque Empresarial de Penela que está a ser desenhado pelo Município, para o qual está já a ser desenvolvido o necessário Plano de Pormenor. Localizado na parte norte do concelho, na zona de Alfafar, beneficiando da proximidade ao principal eixo rodoviário nacional, a Auto-estrada nº 1, e à Universidade de Coimbra, é um campus de negócio multifacetado disponibilizando um centro de excelência para empresas vocacionadas para os sectores estratégicos identificados no Programa Director de Inovação, Competitividade e Empreendedorismo (PD-ICE) do Município de Penela, que integram as fileiras do agro-alimentar, alimentar, das energias renováveis (biomassa e energia solar e eólica) e da floresta.

Louçainha hasteou a 1ª Bandeira Azul em praia fluvial! Pelo segundo ano consecutivo a Praia Fluvial da Louçainha teve Bandeira Azul num claro reconhecimento da qualidade global daquele espaço de lazer. Durante a época balnear a Biblioteca Municipal teve à disposição dos banhistas um vasto conjunto de livros, de jornais e de revistas para leitura gratuita. 123


UMA DÉCADA EM REVISTA

Inauguração da Reabilitação do Restaurante D. Sesnando Fruto de uma remodelação de fundo, o Restaurante D. Sesnando é hoje um espaço completamente renovado que apresenta condições ímpares para assumir um lugar de destaque na restauração de referência do concelho e da região. Integrado na estratégia de desenvolvimento do território oportunamente delineada, este espaço renovado reúne todas as condições para assumir um papel fundamental na divulgação da gastronomia regional, constituindo-se como um pólo de atracção turística devido à sua centralidade no tecido urbano mais emblemático da vila, contribuindo assim para a valorização do Centro Histórico da sede de Concelho.

124

PROVERE Villa Sicó

Município inaugurou Loja Social

A Terras de Sicó – Associação de Desenvolvimento apresentou no dia 22 de Janeiro a sua proposta de Contrato de Consórcio para a execução do Plano de Acção do projecto «VILLA SICÓ», para formalização da sua candidatura ao PROVERE Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos. Na presença dos promotores públicos e privados associados à candidatura, foram apresentados todos os projectos identificados para esta parceria, salientando aqui uma diversidade de intenções de investimento agregadas à temática da Romanização, factor esse multiplicador comum de tantas vontades, assumindo definitivamente uma proposta de valorização deste território de baixa densidade, dentificada no eixo da Romanização entre Conímbriga e Tomar.

Tornando a época do Natal ainda mais solidária, o Município de Penela inaugurou a Loja Social, um espaço destinado a ser um ponto de encontro entre quem dá e quem mais necessita. Um local onde se pretende envolver toda a comunidade no apoio às famílias carenciadas do concelho, com o objectivo de tornar Penela um concelho cada vez mais solidário. Nesta loja estará disponível, para os mais carenciados, uma grande variedade de bens, como roupas, brinquedos, electrodomésticos, etc.


ACONTECEU EM 2008...

«Perto de Si» um Programa inovador Ao longo dos meses de Outubro e Novembro, o Município de Penela realizou um Programa inovador, sob o lema “Perto de Si”, visando a auscultação e debate dos principais problemas de cada uma das freguesias do concelho, com vista a arranjar soluções para os mesmos e, assim, permitir o planeamento de acções para o futuro possibilitando o desenvolvimento do concelho como um todo! “Perto de Si”, dedicou um fim-de-semana a cada uma das freguesias, envolvendo todos os elementos do executivo do município e todos os elementos da Junta e Assembleia de cada uma das freguesias.

02

03

Empreendimento habitacional Encosta do Castelo em Penela Após cerca de três meses de terraplanagens, a empresa Lucio’s – Construção e Obras Públicas, S.A. já iniciou a construção do Empreendimento Habitacional “Encosta do Castelo”, na urbanização da Camela, em Penela, dando assim corpo à iniciativa do Município de reforçar a oferta de habitação de qualidade. Composto por 48 apartamentos T3 e T4, este empreendimento habitacional da autoria de um dos mais conceituados arquitectos do país, João Álvaro da Rocha, integra vários espaços verdes e uma relação qualidade-preço de excepção. Este projecto insere-se na estratégia de desenvolvimento traçada para o Município, designadamente no que concerne ao aumento da população através da fixação de jovens famílias.

01 01 02 03 04

Freguesia de S. Miguel Freguesia de Stº Eufémia Freguesia de Podentes Freguesia da Cumieira

04 O Secretário de Estado Adjunto, das Obras Públicas e das Comunicações, Paulo Campos, apresentou, no Salão Nobre do Município, a concessão do Pinhal Interior, que inclui a construção do novo IC3 e a beneficiação da EN 347 entre Espinhal e Castanheira de Pêra, reconstituindo uma via essencial na ligação entre os dois municípios e entre as respectivas sedes e um vasto conjunto de aldeias serranas. Por seu lado, o novo IC3, que atravessará o concelho longitudinalmente, vai reaproximar Penela a Coimbra, para além de constituir o principal eixo de ligação de todo o interior centro ao novo aeroporto de Alcochete.

125


UMA DÉCADA EM REVISTA

01

02

I Gala Anual da Educação celebra o Mérito e a Excelência Sob o lema “Penela, Educação para a Excelência”, este evento, que teve o apoio da Presidência da República com a presença do assessor para os assuntos sociais, Prof. Doutor David Justino, da Universidade de Coimbra, representada pelo Magnífico Reitor, Prof. Doutor Seabra Santos, foi uma organização do Município em parceria com o Agrupamento de Escolas Infante D. Pedro, com o Pólo de Penela da Escola Tecnológica e Profissional de Sicó e com o Crédito Agrícola, tendo como grande objectivo incentivar o desempenho escolar em todos os seus níveis e premiar o mérito, numa assumida cultura de valorização da excelência enquanto instrumento preponderante para o desenvolvimento económico, cultural e social dos jovens e, consequentemente, da sociedade em geral.

03 01 Melhores alunos do 4º ao 9º ano do Ensino Básico 02 Melhores alunos do Ensino Secundário corrente e profissional 03 Melhores alunos do Ensino Universitário e da melhor ideia negócio do II curso de Empreendedorismo

126

Inauguração da Valorização Paisagística do Germanelo

Pedra da Ferida com acesso reabilitado

A Valorização Paisagística do Sítio do Castelo do Germanelo, inaugurada a 25 de Abril, veio encerrar a reabilitação de um novo roteiro turístico do Concelho, composto pelas seis maravilhas do património histórico e natural, que são, além do já citado, a Praia Fluvial da Louçainha, o Centro de Interpretação do Sistema Espeleológico do Dueça, a Villa Romana do Rabaçal, o Castelo de Penela e a Pedra da Ferida.

A intervenção efectuada no percurso e no parque de Lazer da Pedra da Ferida, comparticipada pelo Programa AGRIS, incidiu na limpeza da vegetação do espaço envolvente, na beneficiação do percurso pedestre e na instalação de diverso equipamento, nomeadamente a construção e instalação de pequenas pontes, mesas, bancos, papeleiras e sinalética adequada.


ACONTECEU EM 2008...

I Bienal de Humor – Luis de Oliveira Guimarães Luíz de Oliveira Guimarães, Homem do Direito, das Letras e do Teatro, dono de um grau humorístico inconfundível, nasceu a 19 de Abril de 1900 na Quinta do Castelo, no Espinhal, filho de António Alves de Oliveira Guimarães e Maria da Glória Alarcão Vellasques Sarmento. Comunicador nato, conferencista de grande talento, é autor de inúmeras obras literárias, bem como de peças de teatro de grande valor nacional e que muito contribuíram para a cultura nacional. Como tributo a este grande senhor da cultura concelhia e nacional, o Município de Penela e a Freguesia do Espinhal uniram-se à Família Oliveira Guimarães na realização da “I Bienal de Humor – Luis de Oliveira Guimarães”, no dia 8 de Junho, na vila do Espinhal e em Penela. Da sessão de abertura realizada na Quinta do Castelo ressaltou a convicção generalizada de que a obra e valor do Dr. Luiz d’Oliveira Guimarães é marcante e importante para a valorização do território deste concelho, bem como um marco na cultura dos inícios do séc. XX, fazendo parte de uma sociedade cultural inovadora para a época, com sentido de humor apurado.

I Bienal do Humor – Concurso de Caricaturas Com a participação de 96 artistas, oriundos de 23 países o Concurso de Caricaturas, subordinado ao tema “Justiça”, integrado na I Bienal de Humor “Luís d’Oliveira Guimarães”, teve como vencedores: 1º prémio: “La giustiza sotto la pioggia”, de Agim Sulaj (Albania) 2º Prémio: “Aqui”, de José Santos (Portugal) 3º Prémio: “ Os nós da Justiça”, de Pavel Constantin (Roménia).

Maria do Céu Guerra no Auditório Municipal de Penela No dia 29 de Novembro, o Auditório Municipal de Penela recebeu a Companhia de teatro “A Barraca” com a Peça «O Pranto de Maria Parda», um monólogo bastante humorista, interpretado pela conhecida actriz Maria do Céu Guerra, numa parceria entre o Município de Penela e o Ministério da Cultura, através do Programa TerritórioArtes.

127


128


PENELA NA IMPRENSA

129


AINDA EM 2010

Feira do Mel do Espinhal De 3 a 5 de Setembro de 2010

Fim-de-semana da Juventude De 16 a 18 de Julho de 2010

130


AINDA EM 2010

Feira de S. Miguel / FAGRIP De 24 a 29 de Setembro de 2010

Penela Presépio’ 10 Dezembro 2010

131


Revista Infante nº 7  

Revista Municipal do Município de Penela. Saiba tudo o que se passa neste território.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you