Page 1

Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana - Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com EXEMPLAR CORTESIA - VENDA PROIBIDA

GRUPO GESTOR DA BACIA DA PAMPULHA PROMOVE CAPACITAÇÃO Servidores das regionais da prefeitura passaram por treinamento visando a despoluição da Bacia da Pampulha RICARDO LIMA

Contagem recebe seminário da Rede Ouvir Minas Município é o primeiro da RMBH a receber as palestras ELIAS RAMOS

s servidores das regionais administrativas da Prefeitura de Contagem receberam, na última terça-feira (27/5), capacitação para trabalhar na mobilização da ligação dos esgotos na rede da Copasa. O treinamento foi feito pelo Grupo Gestor da Bacia da Pampulha, do qual a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade e a Copasa fazem parte. Os agentes serão responsáveis por orientar os moradores quanto a ligação dos factíveis, isto é, esgotos das casas que possuem rede disponível na porta mas ainda não fizeram a ligação. A falta de ligação dos esgotos na rede é um dos principais fatores tratados pelo Grupo Gestor da Bacia da Pampulha. Ela traz inúmeros problemas aos próprios moradores e também dificulta a despoluição da Lagoa da Pampulha. A Bacia da Pampulha conta hoje em Contagem com mais de 10.200 esgotos factíveis. Dos 65 bairros componentes da bacia, a maioria que ainda não ligou o esgoto na rede está nas regiões da Ressaca e do Nacional. Da área total da Bacia da Pampulha, 56% fazem parte de Contagem. De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Ivayr Soalheiro, além da bacia da Pampulha, a questão da ligação dos factíveis em toda a cidade é uma ação de governo. "Estamos investindo a princípio na educação ambiental,

O

capacitação e na mobilização. Num segundo momento, quem não fizer a ligação poderá ser notificado e multado de acordo com a legislação", disse. Após receber a capacitação, o administrador da Regional Ressaca, José Carlos Menezes, informa que os agentes trabalharão como parceiros da comunidade. "Muitos moradores não têm conhecimento de como fazer a ligação na rede. Iremos orientá-los e potencializar os serviços para o bem da comunidade e do meio ambiente", afirmou.

Principais problemas De acordo com dados da Companhia de Saneamento, quem não realiza a ligação pode estar sujeito a muitos problemas, por exemplo: água de poços, cisternas e nascentes sem tratamento, podem causar graves doenças como amebíase, giardíase, gastroenterite, febres tifóide e paratifoide, hepatite e cólera, entre outras. O esgoto não ligado à rede pode causar mau cheiro, presença de insetos e sérios riscos de doenças causadas por água contaminada. Tudo isso faz com que os moradores tenham gastos desnecessários com despesas médicas. O lançamento incorreto do esgoto também polui os córregos, degradando as bacias hidrográficas que fazem parte de Contagem.

Contagem realiza Semana do Meio Ambiente Contagem realiza a Semana do Meio Ambiente a partir deste domingo (1/6) até o dia 6 de junho, com uma programação diária de ações de educação ambiental. O evento envolverá questões ambientais ligadas à cidade e aos temas globais, para estimular atitudes concretas de preservação. Estão previstas blitz educativas, oficinas, distribuição de mudas, fórum da Agenda 21 com a apresentação do Projeto de Aquicultura de Contagem, Brigada da Limpeza e atividades com estudantes da rede municipal de ensino. A semana conta com a parceria de diversas secretarias municipais, além do Instituto Estadual de Florestas (IEF) e da Copasa. No Dia Mundial do Meio Ambiente (5/6), a comemoração será no Parque Sarandi com a entrega da obra de revitalização, oficina de reaproveitamento de resíduos, tendas com atividades para estudantes da rede municipal de ensino e distribuição de material educativo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, IEF e Copasa, Rua de Lazer para as crianças e plantio de árvores do Projeto Uma Vida, Uma Árvore.

Confira a programação: Dia 1/6 (domingo) - Brigada da Limpeza na Regional Industrial. Local: avenida Alvarenga Peixoto, 768. bairro Amazonas. Horário: 8h. Dia 2/6 (segunda-feira) - Blitz Educativa. Local: Avenida João César de Oliveira (em frente ao Iria Diniz).

Horário: 9h. Dia 3/6 (terça-feira) - Trilha Ecológica e oficina de construção de horta suspensa com idosos do Espaço Bem Viver. Local: Parque Gentil Diniz Rua Maria do Carmo Diniz, 141, bairro Nossa Senhora do Carmo. Horário: 13h. Dia 4/6 (quarta-feira) - Reunião do Fórum da Agenda 21 (Apresentação do Projeto de Aquicultura de Contagem). Local: Auditório da Prefeitura - Praça Tancredo Neves, 200, bairro Camilo Alves. Horário: 14h. Dia 5/6 (quinta-feira) - Comemoração Dia Mundial do Meio Ambiente. Local: Parque Sarandi - Avenida Severino Ballesteros Rodrigues, 1300, bairro Arvoredo. Horário: das 9h às 16h. Dia 6/6 (sexta-feira) - Blitz Educativa. Local: avenida Prefeito Gil Diniz com rua Dr. Cassiano (Sede) e entrada do bairro Solar do Madeira Avenida Chico Mendes. Horário: 9h30.

Dia Mundial do Meio Ambiente O Dia Mundial do Meio Ambiente começou a ser comemorado em 1972, após a primeira das Conferências das Nações Unidas sobre o ambiente humano, em Estocolmo, na Suíça. O objetivo é promover atividades de proteção e preservação do meio ambiente e alertar o público mundial e os governos de cada país para os perigos de negligenciar a tarefa de cuidar do meio ambiente.

Secretários, ouvidores, procuradores, controladores e gestores públicos interessados e envolvidos com a ouvidoria participaram, na quinta-feira 22/5, do Seminário Rede de Ouvidorias: Minas Mais Transparente e Cidadã. A abertura foi realizada pelo prefeito de Contagem, Carlin Moura, e pelo ouvidor-geral do Estado, Fábio Caldeira. O evento aconteceu no auditório do Centro das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Ciemg), que fica na avenida Babita Camargos, 766, na praça da Cemig. O ouvidor-geral do Estado, Fábio Caldeira, afirmou que políticas públicas eficientes geram melhor qualidade de vida para a população. “Nós fizemos questão de realizar este evento aqui em Contagem, devido ao trabalho muito promissor e positivo, o qual nós temos acompanhado e que vem sendo feito por toda a equipe de gestores, no sentido de fortalecimento e do controle da participação social”, disse. Contagem foi o primeiro município da Região Metropolitana de Belo Horizonte a receber o Seminário Rede de Ouvidorias: Minas Mais Transparente e Cidadã. O controlador-geral do Município, Vanderlei Daniel da Silva, agradeceu pelo convite da Rede OuvirMG e afirmou ter se sentido honrado com a realização do evento em Contagem. “Acredito que o convite se deu devido às transformações que vêm ocorrendo no município, principalmente no âmbito da Ouvidoria, nas ações de transparência a partir dessa nova gestão”, disse Vanderlei. A ouvidoria é um canal de comunicação direta com o cidadão. Este é um instrumento democrático participativo, onde as pessoas podem participar com reclamações, denúncias, sugestões, soli-

citações e elogios. Essa participação auxilia a administração pública na continuidade e qualidade dos serviços prestados à população. A sociedade tem o direito de pedir conta a todo agente público pela sua administração, e os gestores públicos têm como dever a prestação de contas e informação qualificada. O prefeito Carlin Moura destacou que a ouvidoria tem o papel da transparência e da cidadania. “Essa transparência é um instrumento de controle da sociedade civil, é o mecanismo que nos possibilita fazer o acompanhamento do gestor público. Temos procurado em todos os sentidos aprimorar a política de transparência. Aprimorar o mecanismo de transparência, para que o cidadão tenha o acesso direto a todas as questões relacionadas a administração”, concluiu Moura. O seminário integra a programação da Rede Mineira de Ouvidorias Públicas (Rede Ouvir-MG), iniciativa pioneira no país, que fomenta a criação de ouvidorias públicas municipais e o compartilhamento das manifestações registradas pelos cidadãos, fortalecendo as ferramentas de transparência e controle social. O encontro estimulou a criação de ouvidorias municipais, e apresentou a parceria da Ouvidoria-Geral do Estado de Minas Gerias (OGE) com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), para a criação de ouvidorias regionais de saúde.

OUVINDO O CIDADÃO Contagem dispõe de uma Ouvidoria Geral do Município, e o cidadão pode registrar sua manifestação por meio dos telefones 0800-0313188 / 3398-4894, preenchendo um formulário no portal da prefeitura, ou também indo pessoalmente à rua Bélgica, 486, no Eldorado.


Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

2

LEI PROPOSTA POR VEREADORA LEGISLATIVO DE CONTAGEM Vereador Ricardo Faria fiscalizou as obras das novas Unidades INSTITUI SEMANA MUNICIPAL DA APROVA CRIAÇÃO DE DUAS Básicas de Saúde do Município CRIANÇA E ADOLESCENTE EM ESCOLAS INFANTIS CONTAGEM ELIAS RAMOS

LEANDRO PERCHÉ

LEANDRO PERCHÉ

A Prefeitura de Contagem sancionou, nesta semana, uma lei proposta pela vereadora Isabella Filaretti (PTB) e aprovada conclusivamente na Câmara Municipal no final de abril, instituindo a Semana Municipal da Criança e do Adolescente em Contagem. Dessa forma, a data passa a constar do calendário oficial de eventos do município, sendo comemorada anualmente na segunda semana do mês de outubro, com atividades promovidas pela Câmara Municipal e pela Prefeitura de Contagem. De acordo com a autora da lei, a iniciativa ajudará a divulgar e valorizar o direito desse público, auxiliando a sociedade na tomada de consciência sobre as garantias previstas no Estatuto da Criança e do

Adolescente. "Através da realização de atividades envolvendo o poder público e a comunidade, em especial, pais, alunos e professores, será possível, cada vez mais, a garantia dos direitos a esta parcela da população", explica Isabella. Com esse objetivo, a nova lei prevê que, na semana da criança, o poder público poderá celebrar convênios e parcerias para a promoção de atividades diversas voltadas para a conscientização dos direitos da criança e do adolescente. O texto cita a realização de palestras, conferências e seminários; jogos esportivos e de entretenimento; atividades educacionais, concursos artísticos e gincanas; além de campanhas publicitárias e escolares de conscientização.

Os vereadores de Contagem aprovaram, nesta semana, em primeiro turno, a criação de dois Centros Municipais de Educação Infantil (Cemei). Propostos pelo Executivo, os projetos de lei 07 e 08 de 2014 criam as escolas, respectivamente, nos bairros Darcy Ribeiro, na regional Nova Contagem, e Parque São João, na regional Eldorado. Em mensagens que acompanham os projetos, o prefeito Carlin Moura (PCdoB) ressalta que as proposições se respaldam "na política de ampliação da Educação Infantil a fim de atender a grande demanda já constatada na cidade". Com isso, cada escola

atenderia 150 crianças com idades entre zero e cinco anos. A ideia é que o Cemei Darcy Ribeiro atenda a região que compreende os bairros Buganvile e Icaivera. Já o Cemei Parque São João beneficiará a comunidade dos bairros Cinco, Perobas, Novo Eldorado, Maria da Conceição e Beatriz. Os projetos devem ser votados em segundo turno e redação final na próxima terça-feira (03). Uma vez aprovados, seguem para a Prefeitura de Contagem, e as novas leis entram em vigor a partir de sua publicação no Diário Oficial do Município.

O vereador Ricardo Faria, acompanhou o prefeito Carlin Moura, na última semana, as obras das unidades básica de Saúde (UBS) dos bairros Morada Nova e Maria da Conceição, São Joaquim e Recanto da Pampulha. As obras fazem parte do pacote de 18 UBS´s que serão construídas em Contagem, via convênios com o governo federal, governo do estado e recursos do tesouro municipal. “Vamos marcar em Contagem um novo tempo da política de atenção básica à saúde. Trata-se de um trabalho desenvolvido com alto grau de descentralização e maior proximidade da vida das pessoas”, garantiu o prefeito Carlin Moura. Todas as unidades estão sendo construídas no padrão Minas, do governo do Estado. A solução arquitetônica em Light Steel Framing (sistema construtivo que utiliza o aço galvanizado como principal elemento estrutural), de mo-

derna tecnologia construtiva de obra limpa, com ambientes humanizados e fluxos bem definidos. “Estou muito feliz com o início das obras. São aparelhos de saúde que vão impactar positivamente na vida da população local. São também instalações mais adequadas aos servidores. Neste padrão de construção, em breve estaremos aqui para entregar as unidades para a população”, afirmou o vereador Ricardo Faria. Serão mais de 4 milhões investidos nas quatro unidades. Sendo uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal de Contagem. A construção recebida com muita alegria pelos moradores da região. “Estamos muito satisfeitos com a obra. Vai ajudar demais a todos os moradores da região”, afirmou Maria Maura, moradora do bairro Morada Nova há mais de 20 anos.


3

Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

Ministro Mauro Borges faz Brigada da Limpeza

palestra em Contagem chega a sua 8ª edição, RICARDO LIMA

na região do Eldorado

As vozes da emoção Brasil, país tropical, celeiro de craques, grandes nomes se fizeram presentes na história do esporte. Nomes que marcaram e marcam nosso imaginário: Pelé e Garrincha no futebol, Hortência e Oscar no basquete, Sarah Menezes no Judô, Bernard e Renan no vôlei, são tantos os nomes que são exemplo de orgulho que é impossível mencionar sem ser injusto com algum esportista. Muitos nos deram alegria, muitos nos darão. E as vitórias ou até mesmo as derrotas, (sim, porquê não os momentos tristes), passam a fazer parte do nosso quotidiano e tema de muitas conversas que avançam por anos e décadas. Mas seríamos injustos se deixarmos de mencionar aqueles que nos brindam com a emoção da narração: os jornalistas, locutores, narradores e apresentadores. Se no início a comunicação se dava através de jornais e revistas, com o advento do rádio, a locução ganhou o planeta com muito mais agilidade. E a TV emplacou de vez como a maior difusora das grandes emoções esportivas. Quem lucra é o grande público. Os narradores do rádio e TV sempre contribuíram para dar o sentimento necessário nas disputas e, neste contexto, um dos esportes que mais lucrou foi o nosso maravilhoso futebol. Outros também, como o vôlei, mas o futebol por sua predileção e popularidade, angariou grandes nomes que fazem bonito ao emprestar sua voz nos eventos esportivos. Alguns ganharam notoriedade e nunca serão esquecidos, como Galvão Bueno: muitos podem até não gostar dele no futebol, mas é indiscutível que a Fórmula 1 teria sido mais pobre sem a sua voz. Luciano do Valle, que tanta emoção empregou no grito de gol, acabou de nos deixar e no seu falecimento, claro, um legado maravilhoso. E o que falar do grande Osmar Santos, que nos deixou o seu bordão inesquecível, “pimba na gorduchinha” ou o grande Sílvio Luiz com o seu “olho no lance... éééé...”. A magia da narração é fantástica e individual, pois somente o talento é capaz de des-

pertar emoção, indo de encontro com o imaginário do torcedor, ávido por um resultado positivo. E dá-lhe ansiedade! Na hora do jogo, o radinho, companheiro inseparável para muitos, é o instrumento no qual até hoje grandes nomes permanecem atravessando gerações, avôs, filhos e netos. E aqui em Minas não é diferente, atleticanos, americanos e cruzeirenses de ouvido em pé acompanham o desenrolar das partidas, ansiosos pelo grito de gol. E é melhor para cada torcida ouvir a partida pela voz do locutor do seu time. Na Rádio Itatiaia, a mais popular de Minas, os três grandes clubes contam com estrelas de peso, e cada qual empresta o seu brilho ao momento fantástico do futebol: o gol. Ênio Lima, Alberto Rodriguez e Mário Henrique Caixa são algumas das estrelas do rádio cujas vozes atualmente dão cor e brilho às partidas, narrando dribles, cobranças de faltas e tudo o mais que uma partida oferece. E cada um, com seus respectivos bordões, tem diante de si a tarefa árdua de levantar a torcida e levar a emoção contagiante onde não há o brilho da imagem, só o timbre da voz. O sucesso conquistado é prova de que a convergência atual de mídia ainda passa por mecanismos antigos e eficazes, como o rádio. Agora, na Copa do Mundo que se avizinha, mais uma vez este e outros mais irão abrilhantar e narrar partidas carregadas do peso da disputa entre as nações, que almejam arrebatar o cobiçado campeonato. E, seja no rádio, na TV ou até mesmo na internet, lembre-se sempre que você terá a brilhante companhia daquele que trabalha para dividir com você os sonhos de todos que vibram e torcem por um mundo melhor, onde a vitória é de todos e não somente daquele que sai vencedor de campo. Ao campeão, a taça. A todo o restante, a satisfação de ter transformado o sonho de muitos em realidade. * Eduardo Rocha de Matos Borba Administrador, auditor e escritor nas horas vagas

Fim de ponto de descarte irregular em Nova Contagem Agente Comunitário de Limpeza conscientizou população da Vila Renascer

Em mais uma ação que reforça a intenção da administração em manter a cidade limpa, a Prefeitura de Contagem, em parceria com a comunidade, acabou com um dos maiores pontos de descarte irregular de lixo e entulho na região de Nova Contagem. No local, a prefeitura retirava mais de quatro caminhões de materiais por semana. Tal ação só foi possível após a colocação de um Agente Comunitário de Limpeza (ACL), no bairro Vila Renascer, evitando que a população descartasse o lixo em um ponto na rua VP2. O local está localizado próximo ao Cemei São Judas Tadeu, e ao lado de uma unidade de saúde. Na Vila Renascer, o agente comunitário percorreu o bairro, orientando a população sobre a forma correta de descarte dos materiais, além de coletar o lixo e pequenos entulhos das residências. A praça que servia de bota-fora

irregular hoje está plenamente conservada. O agente Marcos, além de mantêlo limpo, construiu um pequeno jardim no local, sensibilizando os moradores a não jogar mais lixo na via. A moradora Antônia Bernadina disse estar satisfeita com as mudanças. “Antes de colocar o agente de limpeza, aqui era muito ruim, ratos por todo lado, muito lixo, galhos de árvores e entulho, sem falar que o povo colocava fogo para acabar com a sujeira, e aí era pior ainda, juntava o mau cheiro e a fumaça pra incomodar a gente”. O administrador regional Vargem das Flores, Francisco Naldo de Assis, aprovou a iniciativa. “O trabalho do agente de limpeza, além de coletar o lixo nas casas onde o caminhão não tem como passar, conscientiza a população sobre a forma e local correto de despejá-los. Conseguimos limpar um ponto crítico na região”.

Antes do evento, um café da manhã foi realizado no Restaurante Popular para acolher a população EVANDRO PARREIRAS

Para celebrar o Dia da Indústria, Contagem realizou a palestra “Perspectivas e Oportunidades da Economia no Brasil”, proferida pelo ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Mauro Borges Lemos, no auditório do Ciemg, nesta segundafeira (26/5). O prefeito Carlin Moura também assinou as ordens de serviços para a construção do Centro de Memória dos Trabalhadores e da Indústria de Contagem e o início das obras da alça que ligará a avenida Marechal Castelo Branco, no bairro JK, até a avenida Babita Camargos, no entorno do empreendimento da Construtora Direcional, onde também será o centro de memória. O ministro Mauro Borges explanou sobre o contexto atual da economia brasileira e regional, expondo os novos modelos de fortalecimento do setor produtivo e empresarial de Contagem. “Por ser o centro da indústria mineira, o desafio de Contagem é a diversificação de seu polo”, explicou. Borges também citou a localização privilegiada de Contagem, que é ligada a Belo Horizonte, e a maturidade do município no processo de industrialização do Estado. Segundo ele, Contagem possui mão de obra extremamente desenvolvida, o que a colocou no quadro de competitividade, fazendo com que a indústria assegurasse a sua vitalidade econômica. Durante a palestra, o ministro também apresentou as possibilidades de investimentos que estão por vir no país. Para ele, o Brasil conseguiu sair da crise econômica mundial sem passar por uma recessão e agora está vivendo o processo de reorganização da economia. Mauro Borges destacou que Contagem poderá ser receptora desses investimentos por meio de quatro vetores. O primeiro deles, o de energia e hidroeletrecidade, principalmente no que se refere ao petróleo e ao gás. O país será exportador de petróleo nos próximos cinco anos e a Petrobras fará grandes investimentos. O segundo é o habitacional, referente à construção civil e à logística. Pelo contexto que a cidade vive, com a parceria público privada, Contagem está no caminho certo. O terceiro, a mobilidade urbana, em que o país necessita de novo planejamento ligado ao da habitação e que Contagem está para realizar grande obras, por meio do PAC 2 - Médias Cidades. Por último, destacou a indústria da defesa, em que o município já é um polo produtivo. “Seguindo estes quatro vetores a cidade poderá aproveitar as possibilidades, pois possui vantagens estabelecidas para se desenvolver”, frisou. Ao fim da palestra, o ministro se colocou à disposição de Contagem, firmando a parceria para o desenvolvimento da cidade. “Podem contar comigo para colocar de pé estes grandes projetos que a cidade tem condições de levar em frente”, afirmou. O prefeito Carlin Moura ressaltou a importância da construção do Centro de Memória para preservação da história do município que foi o propulsor da indústria mineira com a cons-

trução da cidade industrial. “Quando olhamos para a antiga fábrica da Lafersa lembramos não só da história da cidade como também do processo de industrialização do país, em que o trabalhador teve papel fundamental no desenvolvimento da democracia e na recuperação do desenvolvimento econômico da cidade, após a década de 80, conhecida como década perdida, quando houve a recessão. Este é um local simbólico que guardará a memória, mas também representará o avanço quando construímos a alça viária preparando para a grande obra de mobilidade urbana, uma parceria com o governo federal por meio do PAC2, na avenida David Sarnoff com Babita Camargos”, disse. Ele também ressaltou que pelo fato da população de Contagem não pagar IPTU, o que é uma conquista e será preservada, mostra a necessidade de valorizar e investir na indústria, no comércio e nos serviços para manter a saúde financeira do município. “Vamos retomar em parceria com a Codemig a administração do Distrito Industrial Juventino Dias para modernizar e potencializar o setor. Contagem também tem um papel estratégico no desenvolvimento industrial de atrair novos empreendimentos, para isso, entraremos com muita força no setor da Indústria da Defesa, onde convidaremos o ministro novamente e também os ministros da Defesa, Celso Amorim, e da Ciência e Tecnologia, Clélio Campolina Diniz, para no dia 18 de julho, realizarmos um seminário sobre o tema no município. Temos cerca de 150 empresas já atuantes no setor e iremos potencializá-lo”, disse. Participaram do evento o presidente da Construtora Direcional, Ricardo Valadares, o presidente do Ciemg, José Agostinho da Silveira, o presidente da ACIC, Humberto Nogueira, o vice-presidente da Câmara Municipal, José de Souza, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Marco Aurélio Moreira, secretários municipais, vereadores, representantes de associações e sindicatos e empresários.

Dados da Indústria em Contagem O PIB de Contagem agrega grande parte de seu valor através da produção de um moderno e competitivo parque industrial, constituído por aproximadamente 3 mil indústrias e oito distritos industriais. As indústrias de Contagem têm um papel fundamental na economia da cidade. Elas geram empregos, renda e receita para o município. No início de 2014 houve um incremento na produção industrial de Contagem e a indústria de transformação (metalurgia, segmentos alimentícios, veículos automotores e produtos derivados do petróleo) passou a ser responsável por 76% dos empregos formais gerados na cidade. Até o mês de fevereiro a indústria contagense criou 807 novos postos de trabalho. Isso reflete uma maior confiança do setor empresarial de Contagem na economia e nas políticas públicas de desenvolvimento oferecidas pelo município.

O Programa Brigada da Limpeza, da Prefeitura de Contagem, chegou a sua 8ª edição, no Eldorado. O evento, realizado no sábado (24/ 5), na praça da Glória, movimentou a região a favor da limpeza e combate à dengue. Ao todo, foram recolhidos mais de 420 toneladas de lixo na região. Por meio de 34 viagens (de caminhão), 17 pontos de descartes foram limpos. Além disso, mais de 8 mil residências foram visitadas pela equipe da dengue, para o recolhimento de 24 toneladas de detritos. Uma equipe de trabalho com mais 50 pessoas foi mobilizada para a ação. Durante todo o sábado, mais de 15 caminhões e três retroescavadeiras trabalharam na região do Eldorado. O prefeito Carlin Moura destacou a importância do projeto na cidade. “A Brigada da Limpeza é um compromisso deste governo para manter a cidade limpa e acabar com a dengue”, disse. Ele ainda ressaltou o Projeto Carroceiro Legal, lançado em conjunto com a brigada. “Vamos valorizar o carroceiro, pois ele é parceiro da limpeza da cidade”. A ação é promovida pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Obras e Limpeza Urbana, junto a várias secretarias municipais. A Brigada da Limpeza possui quatro pilares: Ecoponto (local específico para recebimento de pequenos volumes de entulho); Agente Comunitário da Limpeza, Carroceiro Legal e combate à dengue. O secretário-adjunto de Obras e Limpeza Urbana, Flávio Magelo, citou que não se trata apenas da limpeza e conservação da cidade, mas uma forma de levar cidadania aos moradores. Ainda sobre os carroceiros, o secretário informou que será encaminhado à Câmara Municipal de Contagem, um Projeto de Lei para a

regulamentação da profissão na cidade. Durante toda a semana que antecedeu ao evento, uma equipe de mobilizadores da Secretaria Municipal de Obras e Agentes de Combate a Endemias, percorreu as casas da região, conversando com os moradores sobre os cuidados com o lixo e a forma correta do descarte. O administrador da Regional Eldorado, Alessandro Henrique, fez um pedido à opulação. “A limpeza depende de todos, evitem jogar entulho nas ruas”. Ao longo dos trabalhos de limpeza, a população teve acesso aos serviços sociais do Dia da Cidadania. Diversas tendas de serviços de saúde, por exemplo, como o Programa DST/AIDS e Saúde da Mulher, ofereceram orientações e encaminhamentos à população presente. O ônibus do Bolsa Família Bairro Adentro, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, realizou o cadastro dos moradores ao programa, dentre outras dezenas de ações.

Restaurante Popular A Brigada da Limpeza realizada na Região do Eldorado iniciou com um “sabor” especial. O evento teve seu pontapé no Restaurante Popular de Contagem. Cerca de 600 pessoas, de 20 associações da região, prestigiaram um café da manhã. Após a confraternização, os participantes realizaram uma caminhada até a praça da Glória, palco do evento. O prefeito Carlin Moura aproveitou a oportunidade para dar uma boa notícia à população. “Já estamos em curso o projeto para a inauguração do segundo Restaurante Popular de Contagem, na Região da Ressaca”, informou.

JORNAL REGIONAL CONTAGEM LTDA. CNPJ: 04.917.575/0001-24

Editor-Chefe e Jornalista Responsável:

José Antônio Borba REGJPMG09675 Rua das Acácias, 1137 - Conj. 401 - CEP: 32310-370 Eldorado - Contagem -TEL.: (31) 3042-0034/3041-5473 E-mail: gruporegionalcontagem@gmail.com www.jornalregionaldecontagem.com.br

PÚBLICO ALVO: 100.000 LEITORES Os artigos e matérias assinados são de responsabilidade dos seus autores, não representando, necessariamente, a opinião deste jornal.


Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

4

DURVAL PARTICIPA DO ENCONTRO ESTADUAL DO PT Mercado Central O deputado estadual, Durval Ângelo (PT), participou do Encontro Estadual do Partido dos Trabalhadores (PT). Durante o encontro, o partido confirmou o nome do ex-ministro Fernando Pimentel como pré-candidato a governador de Minas Gerais. A atividade também contou com a presença do ex-presidente Lula, da presidenta, Dilma Rousseff, de representantes de partidos aliados, prefeitos, vices, vereadores, presidentes municipais do PT e militantes. Fernando Pimentel afirmou que a missão já começou a ser cumprida com as Caravanas da Participação, onde tem recolhido propostas, reclamações e, principalmente, identificado a “sensação de abandono” nas cidades do interior. Durval ressaltou que tem acompanhado Pimentel nas Caravanas da Participação e tem encontrado insatisfação com o governo tucano por onde passa. “ Pimentel está implantando um jeito novo de fazer política em Minas, ouvindo e dialogando com o povo. Precisamos colocar Minas no mesmo trilho de desenvolvimento do Brasil e é com Pimentel que vamos conseguir fazer isso.”, afirmou o parlamentar. O ex-presidente, Lula, lembrou dos investimentos feitos no país durante os 12 anos de administração petista. “Se um Lula incomodava eles, imagina agora um Lula e uma Dilma. Se um Lula e uma Dilma incomodavam eles, imagina agora

de Contagem completa 25 anos

um Lula, uma Dilma e um Pimentel”, sugeriu Lula. Para o ex-presidente, o receio visto pelos adversários está na possibilidade de Pimentel, que foi o único prefeito da América Latina a figurar na lista dos dez melhores prefeitos do mundo quando governava Belo Horizonte, agora fazer o mesmo em todo o estado de Minas Gerais. “E se esses caras fizerem agora em Minas Gerais o que fizeram em Belo Horizonte? Eles começam a ficar com medo”, disse. Porque, segundo Lula, o grupo adversário tem aumentado a dose de preocupação desde que foi destronado do governo federal há quase doze anos. “Estou percebendo que

os nossos adversários estão aprendendo a fazer oposição”, comentou. “Eles não sabiam, porque desde que Cabral aqui pôs os pés, eles governam o Brasil e Minas Gerais. Nós os destronamos e eles estão raivosos, agressivos”, alertou. O ex-presidente convocou todos os militantes a comparar. “O que mais incomoda eles é a possibilidade de comparação dos nossos 12 anos de governo com o século em que eles governaram o país. Não estamos comparando um mandato com outro mandato. Estamos comparando 12 anos de governo com cem anos de história. E é isso que os incomoda”.

A presidenta Dilma Rousseff afirmou durante o Encontro Estadual, que a história mostra que o povo mineiro não gosta de “voto de cabresto”. “Minas não tem dono”, assinalou, ao reforçar seu apoio à pré-candidatura do ex-ministro Fernando Pimentel ao governo do estado. “Você é o homem certo na hora certa em Minas Gerais, porque você é o pré-candidato que vai levar Minas Gerais para o mesmo trilho que eu e Lula levamos o Brasil”, disse para Pimentel. Lideranças estaduais e nacionais do PRB, PMDB, PCdoB e PROS também manifestaram total apoio as précandidaturas de Pimentel e Dilma.

Para comemorar os 25 anos de sua fundação, a diretoria do Mercado Central de Contagem realiza neste sábado (31/5), com apoio da prefeitura, por meio da Fundac, uma série de atividades culturais e de lazer, começando com missa às 8h. Espaço de compras e lazer do povo contagense, o Mercado Central de Contagem, instalado numa área de 19.421,20 m², foi inicialmente usado como campo de futebol e depois construído o mercado, com espaço para 228 unidades comerciais. Inaugurado em 13 de maio de 1989, o espaço, a cada dia, consolida seu slogan: "Mercado Central de Contagem: onde você encontra de tudo". No local, encontram-se barracas de gêneros alimentícios artesanais, orgânicos e industrializados, hortifrutigranjeiro, açougue, peixaria, salão de beleza, lan house, imobiliária, correios, ervas medicinais, roupas e calçados, farmácia, floricultura, restaurantes, bares, lanchonetes, escritório de contabilidade, consultório odontológico, entre outras. Nos bares e res-

taurantes, a cerveja gelada e a boa cachaça mineira estão sempre acompanhadas de variados e saborosos tira-gostos, que atraem o público em busca de lazer em um lugar agradável. Além de toda essa diversidade, o mercado possui uma capela dedicada à São Judas Tadeu, construída por meio de doações e da colaboração dos lojistas. A capela em devoção à São Judas Tadeu, padroeiro do mercado, foi reconhecida oficialmente pela Arquidiocese Metropolitana como Oratório Particular, em 28 de agosto de 2005. Com estacionamento próprio e localização privilegiada no bairro Inconfidentes, o Mercado Central de Contagem conta com sistema de monitoramento eletrônico capaz de cobrir toda a área do centro de compras, possibilitando mais conforto e segurança aos frequentadores. Localizado na rua Humberto Demoro, 391, está próximo aos bairros Eldorado e Riacho das Pedras. Informações: (31) 2557 2929.


Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

Durval Ângelo visita excolônias de hanseníases no Estado

SAÚDE

É gripe ou resfriado? Cinco dicas para diferenciar uma coisa da outra

5

Participação popular marca Gabinete Itinerante no Industrial Governo faz balanço das ações realizadas e apresenta futuras intervenções RICARDO LIMA

A Comissão de Diretos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) encerrou na quarta-feira (28/5/ 14), com a visita à antiga Colônia Santa Izabel, na Região de Citrolândia, em Betim (RMBH), um ciclo de visitas e audiências públicas que embasarão um relatório sobre as condições de atendimento na rede pública de saúde estadual ao portador de hanseníase. O objetivo é detectar violações de direitos humanos e pressionar as autoridades responsáveis por medidas que assegurem os direitos dos pacientes. O deputado estadual, Durval Ângelo (PT), presidente da Comissão , percorreu todas as unidades da Casa de Saúde, começando pelo Ambulatório de Especialidades e depois seguindo para o Centro de Reabilitação, a Unidade Assistencial, as obras do Centro de Memória e, por fim, o Hospital Orestes Diniz. Nesse trajeto, conversaram com pacientes e funcionários da instituição e moradores da região, acompanharam as atividades, como uma sessão de musicoterapia, mas também constataram alguns problemas, como as dificuldades de funcionamento do bloco cirúrgico. Dotado com duas salas bem aparelhadas, no espaço são realizados apenas procedimentos mais simples em virtude de empecilhos supostamente colocados pela fiscalização da vigilância sanitária municipal. Uma das dificuldades é a falta de um elevador para macas, já que na última reforma do local foi instalado apenas um elevador de carga, que não é utilizado. O custo da reforma para corrigir o problema e instalar um novo elevador é estimado em aproximadamente R$ 500 mil.

Debate Nas discussões que se seguiram, no auditório do Hospital Orestes Diniz, Durval Ângelo chamou a atenção para a necessidade de um resgate histórico, pelas comissões da verdade, dos abusos sofridos pelo hansenianos e seus familiares. Fundada em 1931, a colônia em Betim tinha muros que impediam os doentes de qualquer contato com o mundo exterior. “Este é mais um capítulo a ser contado. É impressionante como o tratamento dado à loucura e também aos hansenianos se acentuou nos períodos de exce-

ção. As pessoas eram segregadas por qualquer motivo e muitos filhos foram arrancados de suas famílias”, lembrou, prometendo que a Comissão de Direitos Humanos vai continuar acompanhando permanentemente a questão.

Reparação O coordenador do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), Artur Custódio, lamentou que o Brasil ocupe atualmente o primeiro lugar do mundo em incidência de novos casos de hanseníase, sendo o segundo em número absoluto de doentes. Ele traçou um panorama histórico da segregação imposta aos hansenianos em espaços como o da Colônia Santa Izabel, injustiça esta que somente agora está sendo reparada com a indenização dos antigos pacientes.

Fhemig dá primeiro passo pela regularização fundiária O diretor assistencial da Fhemig, Henrique Timo Luz, garantiu que a instituição tem feito os investimentos necessários para a melhoria do atendimento, citando a abertura de 47 novos leitos na unidade de Bambuí. Ele lembrou ainda a criação de um grupo de trabalho para fazer um levantamento dos imóveis pertencentes à fundação ocupados por hansenianos e seus descendentes. “Essa questão da regularização fundiária é complexa e não vai ser resolvida da noite para o dia, mas foi dado o primeiro passo”, disse. A coordenadora-geral adjunta de Hanseníase e Doenças em Eliminação da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Magda Levantezi, informou que está em estudo uma proposta de readequação de todas as antigas colônias de hansenianos no país, discussão que será acompanhada pela direção da Fhemig. Segundo ela, a doença é prioridade no Ministério desde 2005, quando começou a ser elaborado um diagnóstico nacional, cujas conclusões começaram a ser implementadas já no ano seguinte. “Temos consciência que no atendimento da hanseníase o conceito de saúde extrapola a simples questão de garantir a assistência”, alertou.

As diferenças giram em torno da agressividade dos sintomas, que são muito mais fortes nos casos do vírus da gripe. Os sintomas podem até parecer os mesmos, mas não são. As diferenças giram em torno da agressividade dos sintomas, que são muito mais fortes nos casos de gripe. Um “pré-diagnóstico” do próprio paciente pode ser determinante para que ele tome a decisão de procurar atendimento e seja medicado de forma adequada ainda nas primeiras 72 horas do início dos sintomas. “É muito importante que o paciente tenha uma noção das diferenças e, caso desconfie de que esteja gripado, procure um médico e jamais ignore a doença. A gripe é uma doença tão séria que possui um tratamento e uma vacina específicos, enquanto o resfriado, não”, afirmou o infectologista Ralcyon Teixeira, supervisor do pronto-socorro do Instituto Emílio Ribas.

Febre Resfriados causam no máximo 38 graus, além disso é sintoma de gripe. Pode estar relacionada tanto à gripe quanto ao resfriado, mas a diferença fica por conta da intensi-

dade. Resfriados causam febres de no máximo 38 graus, enquanto temperaturas que vão além disso podem ser entendidas como um sintoma claro de gripe;

Surgimento O resfriado se instala de forma lenta e gradativa, enquanto a gripe sempre acontece de forma repentina e rápida, “derrubando” o paciente “de uma hora para outra”.

Tosse É um sintoma marcante da gripe, especialmente a tosse seca. Se for este o caso, fique em alerta! Resfriados não causam tosse ou apresentam o sintoma apenas na reta final da doença;

Espirros O espirro, a coriza e o nariz vermelho, ao contrário do que se imagina, são características bem peculiares do resfriado e não da gripe. Quadros de gripe quase não apresentam irritação relacionada às narinas (vias respiratórias altas);

Duração Resfriados duram em média de três a quatro dias. Gripes duram em média sete dias.

Servidores da Educação seguem em greve

Mais de 300 pessoas estiveram presentes na Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida, no bairro Industrial, em mais uma demonstração de cidadania e participação popular do Gabinete Itinerante.

O prefeito Carlin Moura prestou contas das ações realizadas pela atual administração e apresentou as futuras intervenções e obras a serem realizadas na região. "É sempre um prazer muito grande reunir com a comunidade , prestar contas e ouvir as demandas", afirmou. Carlin Moura resgatou as obras realizadas pela administração no Industrial, que beneficiaram a população, e apresentou importantes intervenções para a região, como a construção da trincheira da praça do Itaú, no cruzamento das avenidas David Sarnoff e Babita Camargos, e a inauguração de três novas UBS´s e três novos Cemeis. "Sempre estive atento às demandas da comunidade. O que conseguimos resolver a curto prazo, estamos resolvendo e as demandas mais complicadas, aos poucos, mas sem nunca esquecer das nossas obrigações com Contagem", declarou. A moradora do bairro Industrial, Analina Custódio, carinhosamente chamada pelo apelido de dona Juquita, elogiou o evento e aproveitou para agradecer a construção do muro de arrimo da rua Francisco Rodrigues Pereira. "Antes, aqui era um barranco, muita gente jogava lixo e a gente sofria muito com a sujeira. Esperei a vida inteira por essa obra e meus vizinhos também, hoje vim pessoalmente agradecer", exaltou.

Veja as ações que vão ser executadas nos próximos anos na região do Industrial: - Construção de três Centros de Educação Infantil: Bandeirantes, Amazonas e Jardim Industrial; - Construção de trincheira na praça do Itáu; - Pavimentação da rua José Penido, no bairro Industrial; - Obras de drenagem na rua Santa Maria; - Urbanização da rua Padre Joaquim, no Jardim Industrial; - Construção de muro de arrimo na rua Alexandrina de Souza, no Jardim Industrial; - Complementação da rede de drenagem na rua Cel. Américo Teixeira Guimarães, no Industrial; - Recapeamento da rua 18, na Vila Barraginha; - Implantação de retorno na avenida Tereza Cristina, para facilitar o acesso à Vila São Paulo; - Aumento da capacidade viária da avenida Alvarenga Peixoto; - Construção do Centro de Memória do Trabalhador da Indústria de Contagem, na antiga fábrica da Lafersa.

Prefeitura realiza drenagem da rua Ápio Cardoso Local recebe a tradicional Feira de Artesanato de Nova Contagem

Coordenadora do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE/MG), Beatriz Cerqueira

Em assembleia realizada na última quarta-feira, dia 28 de maio, no pátio da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, os servidores estaduais da educação em greve decidiram manter a paralisação. Deflagrado no último dia 15, o movimento traz entre suas reivindicações o pagamento do piso nacional da educação e respostas para a situação dos trabalhadores afetados pela Lei 100. Estiveram presentes cerca de 1500 trabalhadores em educação, que seguiram em passeata até a Avenida Afonso Pena, no centro de Belo Horizonte, onde se uniram ao movimento da rede pública municipal. Segundo a coordenadora do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE/MG), Beatriz Cerqueira, há tempos não há nenhuma conversa de negociação entre os professores e o Gover-

no do Estado.. “Desde o dia 31 de janeiro, pedimos a abertura das negociações e protocolamos a nossa pauta. Até o momento o governo não se sentou conosco para negociar”, afirmou Beatriz. O deputado Rogério Correia esteve presente na audiência e se solidarizou com a categoria. “O tempo passa e os representantes do governo continuam a ignorar o movimento dos professores. Isto é um absurdo. Quantas assembleias e audiências ainda serão feitas até que o Governo Anastasia dê a devida atenção à educação em Minas Gerais?”, questionou o deputado. A greve dos profissionais em educação segue por tempo indeterminado. Uma nova assembleia foi agendada pelo Sind-UTE/MG para a a próxima quarta-feira, dia 4 de junho.

A Prefeitura de Contagem concluiu, em maio, as obras de drenagem na rua Ápio Cardoso, em Nova Contagem. No local, ocorre a tradicional Feira de Artesanato da região, aos finais de semana. A feira recebe um grande número de pessoas aos sábados e domingos, que fazem suas compras e aproveitam um momento de lazer e interação social. A drenagem da via era uma demanda antiga da comunidade e dos expositores da feira. O administrador regional

de Vargem das Flores, Francisco Naldo de Assis, comentou a resolução do antigo problema, além de reafirmar a importante ação da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos. “Essa era uma demanda antiga da comunidade. Agora, moradores e expositores da nossa tradicional feira terão melhores condições de trabalho e mais qualidade de vida para todos. São ações que afetam diretamente o dia a dia das pessoas”.


6

Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

George Hilton defende a inclusão de novos segmentos no Supersimples

O líder do PRB na Câmara, deputado George Hilton (PRB/MG), recebeu, na quarta-feira, 28, o presidente da Associação dos Fabricantes de Refrigerantes, Fernando Rodrigues de Bairros, que representa centenas de micro e pequenas empresas do segmento, e busca o apoio da bancada republicana para a aprovação da inclusão da indústria de refrigerantes e águas gaseificadas entre as beneficiadas com o Simples Nacional (Supersimples), o regime de tributação das micro e pequenas empresas. Mesmo reconhecendo que o setor conte com grandes empresas, inclusive multinacionais, o líder entende que, a inclusão de uma parte do segmento no Simples Nacional, será fundamental para a sobrevivência das micro e pequenas empresas. “A indústria de refrigerantes, no Brasil, emprega cerca de 33 mil trabalhadores, e muitas das micro e pequenas empresas são administradas por famílias, como a Mate Couro, em Minas, que fabrica um refrigerante feito à base de

plantas, encontradas em regiões brejeiras no sul do Estado”, argumentou. Estímulo Neste sentido, George Hilton assegurou que a bancada do PRB irá apoiar a matéria, no plenário, pois entende que, com o surgimento dos grandes conglomerados de bebidas, essas pequenas empresas foram literalmente ‘engolidas’ por não suportar a carga tributária. Para ele, incluí-las no regime simplificado de tributação é dar um estímulo aos pequenos e médios empresários do segmento. Trata-se, neste caso, do PLP nº 221/2012, que está na pauta de votações da Câmara e altera os anexos da Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006 (Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte), para permitir o abatimento de parcela dedutível do valor devido, mensalmente, pelo pagamento do Simples Nacional, conforme a faixa de renda da pessoa jurídica (universalização do Simples Nacional).

Arturos é Patrimônio Cultural Imaterial de Minas Título foi concedido por unanimidade pelo Conep

O Conselho Estadual de Patrimônio (Conep) reconheceu, por unanimidade, a Comunidade dos Ar turos como Patrimônio Cultural Imaterial de Minas Gerais. Durante reunião realizada na quarta-feira (28/5), no auditório do BDMG, foi apresentado o registro dos Arturos para o Conep, que concedeu o título à comunidade, localizada no bairro Jardim Vera Cruz, em Contagem. Os Arturos são uma comunidade familiar, tradicional, de ascendência negra, formada pelos descendentes e agregados de Arthur Camilo Silvério e Carmelinda Maria da Silva. Em sua vivência diária, eles mantêm diversas expressões culturais e festas tradicionais como Batuque, Folia de Reis, Candomblé, Reinado de Nossa Senhora do Rosário, Festa da Abolição e Festa do João do Mato. Para o diretor Social, Jorge Antonio da Silva, uma das lideranças dos Arturos, o reconhecimento dentro de Minas e do Brasil eleva a autoestima de

cada membro da comunidade. "Saber que os trabalhos de pesquisas em nossa comunidade resultaram no seu registro como bem cultural de Minas, é sinal que os nossos ancestrais não trabalharam em vão", lembrou. Segundo o gerente do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA-MG), Luis Gustavo Molinari Mundim, o processo de estudo das tradições da comunidade foi muito enriquecedor. "Durante o período de dois anos, numa convivência quase que diária, constatamos a importância e a relevância da comunidade como mantenedora de diversas tradições culturais de Minas e do Brasil". A Comunidade Arturos é o terceiro bem imaterial registrado em Minas. O primeiro foi o modo de fazer o queijo artesanal da região do Serro, registrado em 2002; e a festa de Nossa Senhora dos Homens Pretos de Chapada do Norte, que também recebeu o reconhecimento como bem cultural em maio de 2013.

Publicação de requerimento de licença. Reformadora de Pneus Riacho Ltda, por determinação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente torna público que solicitou através do processo Nº10508/2013 Licença Ambiental Sumaria para Reforma de pneumáticos usadosLocalizada na Rua JoséFernandes dos Santos , 81Jardim Califórnia , Contagem – MG. CEP 32.265-380.

Publicação de requerimento de licença. Temper BH Vidros Ltda-ME, por determinação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente torna público que solicitou através do processo Nº17785/2013 Licença Ambiental Sumaria para AtividadeComércio Varejista de Vidros: Fabricação de Vidro plano e de Segurança; Comércio Atacadista de Vidros, Espelhos Vitrais e Molduras.Localizada na Rua Dez, 120, Kennedy Contagem – MG. CEP 32.145.130.


Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

Nome: Joyce Lissander Idade: 18 anos Cidade: BH Altura: 1,67 Manequim:36 Busto: 82 Quadril:90 Cintura:73 Sapatos:37 Olhos: castanhos Cabelos: Pretos Música: Heart Attack - Demi Lovato Um dom que possui: cozinhar Filme inesquecível: Querido Jhon Prato favorito: Fricassé Hobby: Dançar O que tem medo? Altura Se você não estivesse respondendo essa entrevista, o que estaria fazendo? em casa no face O que você sabe fazer melhor? Ler E no que você é muito ruim? Falar em público Se você não fosse você mesma, quem você gostaria de ser? Eu mesma Qual música sempre te faz dançar? Lepo Lepo O que nunca pode faltar na sua geladeira? Chocolate Você preferia ser mais rica, mais bonita ou mais inteligente? Inteligente Qual é o melhor lugar do mundo? Casa do meus pais Qual é o seu sonho de consumo? Viajar para Orlando Você não poupa dinheiro na hora de...? Gastar com saude O twitter serve para? Não uso O Face serve para? Interajir com os amigos E seu maior defeito? Ser muito nervosa Qual a característica mais importante em uma mulher? Fidelidade O que você mais aprecia em seus amigos? Cumplicidade Qual é sua ideia de felicidade? Estar bem comigo mesma Qual sua viagem preferida ? Praia E a sua cor favorita? Preto Uma flor: Orquídea Um animal: Gato Se pudesse viajar no tempo, para onde iria? Para casa da minha Vó

7


8

Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

Aula inaugural marca início de oito cursos técnicos da Funec 280 estudantes iniciam os estudos em cursos do Pronatec

Ex-embaixador do Brasil Blitz educativa na em Cuba ministra Semana do Meio palestra para estudantes Ambiente em Contagem Palestra fez parte do projeto “O Socialismo no Mundo Contemporâneo” RICARDO LIMA

Ação visa conscientizar a população sobre a importância de manter a cidade limpa ELIAS RAMOS

No segundo ano de reabertura e de pactuação com o Pronatec, a Fundação de Ensino de Contagem (Funec) iniciou oito novos cursos técnicos pósmédios. A aula inaugural, realizada na quarta-feira (21/5), marcou o início das aulas de 280 novos alunos nos cursos técnicos de análises clínicas, farmácia, química, informática, logística, meio ambiente, cuidador de idosos e enfermagem. A seleção dos novos alunos foi realizada pelo Ministério da Educação, por meio do Sistema de Seleção Unificada para Cursos Técnicos (Sisutec), que classificou os candidatos de acordo com as notas obtidas no Enem. Os cursos, com duração de 800 a 1.200 horas/aula, serão realizados no turno da noite nas unidades Centec, Riacho, Ressaca, Alvorada, Amazonas e Novo Eldorado. Na aula inaugural, o prefeito de Contagem, Carlin Moura, falou da oportunidade dos estudantes ingressarem em cursos técnicos na Funec. "Vocês terão a chance de fazer um curso técnico com todo o suporte. A Funec conta com uma equipe qualificada de profissionais, laboratórios equipados e todo apoio material, como uniforme, apostilas e os kits escolares, que estão sendo entregues pela primeira vez". O prefeito também destacou o ganho social para a cidade por meio da qualificação da mão-de-obra. "O que vocês estão iniciando tem uma importância muito grande para Contagem. Vocês são nossos futuros profissionais". A presidente da Funec, Karla Roque, ressaltou os avanços da Fundação

no pouco tempo de sua reabertura, com ênfase na adesão ao Pronatec e criação de novos cursos. "Esse, sem dúvida, é o maior programa de qualificação profissional implantado no Brasil. A habilitação da Funec no Pronatec amplia a atuação da fundação e as possibilidades de qualificação para a população de Contagem". O secretário de educação, Professor Ramon, agradeceu todos os servidores e ressaltou a importância da Funec para o município. "Quem não gosta da Funec, não valoriza a educação", disse o secretário. Ele também destacou a necessidade de consolidação da Fundação como uma política permanente para a juventude e de acesso. "A Funec é um patrimônio da cidade. Façam dela ainda maior porque hoje ela é muito maior do que já foi".

A aula Os novos estudantes acompanharam animados a palestra "Sucesso no Mercado de Trabalho", com o professor de química, ex-aluno do Centec e coach cer tificado pela Associação Europeia de Coaching (Alemanha), Diogo César Pereira. Numa palestra descontraída, o professor Diogo César deu dicas de como alcançar o sucesso, ressaltando que "não existe uma fórmula pronta, mas, sim, um caminho individual que cada pessoa percorre, superando-se a cada dia". De acordo com o professor, mesmo não havendo fórmula, o "CHÁ" - composto de Conhecimento, Habilidade e Atitude - pode fazer a diferença na vida profissional dos novos alunos da Funec.

Prodal realiza campanha para estimular doações

Uma equipe do Prodal Banco de Alimentos passou por alguns pavilhões do entreposto de Contagem com objetivo de conseguir doadores de alimentos. A ação faz parte de uma campanha iniciada em fevereiro.”Quem doa, às vezes, não sabe para onde vai o alimento. Explicamos que temos entidades atuantes, que vem aqui de segunda a sexta-feira”, diz o técnico da CeasaMinas, Júnior Cardoso. Uma das lojas visitadas hoje foi a Distribuidora de Frutas Araguaia. De acordo com o gerente do estabelecimento, Edílson Alves, eles tem o hábito de fazer doações para o Banco, embora não tenham doado nos últimos dois meses. “Os produtos que doamos são bons para o consumo. Dá para matar a fome de muita gente”, diz ele. A campanha de incentivo a doação de alimentos para o Prodal está sendo realizada nas terças e quintas-feiras, para não atrapalhar a comercialização nos dias de movimento mais intenso. A ação já está tendo resultados. Em feve-

reiro, foram doados 49841 quilos. Em abril, foram repassados 153.389. Para doar, basta ligar para o telefone 33993433.

Instituições O Prodal Banco de alimentos está com vagas abertas para instituições que queiram receber doações. Para isso, os interessados devem obedecer uma série de critérios, como ser caracterizada como uma sociedade civil sem fins lucrativos, possuir CNPJ e não estar cadastrado em outros bancos de alimentos, dentre outros. As vagas surgiram após uma análise de cada uma das entidades que estavam cadastradas. De acordo com a assistente social da CeasaMinas, Nadir Alvarenga, aquelas instituições que não estavam vindo até o Prodal com regularidade ou que estavam com a documentação incompleta foram excluídas. Interessados em fazer o cadastramento de ligar para 3399-3450.

Mais de 200 estudantes da Fundação de Ensino de Contagem Cruzeiro do Sul, Riacho e do Colégio Nebran participaram da culminância do projeto "O Socialismo no Mundo Contemporâneo". Eles tiveram a oportunidade de assistir à palestra com ex-embaixador do Brasil em Cuba, Tilden Santiago, e de participar de debate com os médicos cubanos Niurka Maren e Alexeis Isaac, que atuam em Nova Contagem. O projeto teve início em julho de 2013, quando o programa Mais Médicos foi implantado no Brasil. A iniciativa ganhou as salas de aula da Funec Cruzeiro do Sul este ano, sendo implantada pela professora de sociologia Renata Almeida. Durante as aulas, os alunos participaram de debates sobre o socialismo, conhecendo a história e suas representações na sociedade moderna. Para o ex-embaixador do Brasil em Cuba, Tilden Santiago, é mui-

to importante levar essa temática aos jovens. O palestrante compartilhou sua experiência em Cuba,onde residiu e trabalhou durante quatro anos, expondo o socialismo utópico e científico. "O verdadeiro revolucionário é aquele que consegue mudar o extraordinário no cotidiano. Ser revolucionário no dia a dia, talvez seja muito mais difícil", disse Tilden. A aluna do 2º ano da unidade Cruzeiro do Sul, Gabriela Sollto, acompanhou atenta a palestra e os debates sobre o socialismo. "É uma revisão de tudo que vimos em sala de aula, mas com uma visão mais sólida de quem realmente viveu essa realidade. Eu acho um estudo muito bacana e mesmo não defendendo o socialismo, acredito que há princípios que podemos aplicar para melhorar nossa realidade", disse a estudante, que considera a atividade extra-classe um importante complemento para os estudos.

Projeto “Mais Saúde” leva ginástica e bem estar para a região de Nova Contagem Iniciativa do Vereador Rodinei Ferreira é aprovada pela população que aderiu às atividades físicas em praça pública Quem passa pela praça próxima à rotatória da avenida dos Retirantes, na divisa entre os bairros Retiro e Nova Contagem tem notado a novidade. É o Projeto Mais Saúde que está bombando na região. São jovens, donas de casa, idosos e crianças com o mesmo ideal, cuidar da saúde física. Idealizado pelo vereador Rodinei Ferreira (PT), O Projeto Mais Saúde vem proporcionando aos moradores muita malhação e diversão. As aulas com duração de 1hora são sempre acompanhadas de muita música e animação. Coordenado pelo professor Luiz Paulo Carvalho dos Santos, o projeto vem tirando famílias inteiras do sedentarismo. E o que é melhor, o acesso é gratuito. Nas aulas é comum encontrar pais acompanhados dos filhos na mesma atividade, pois o projeto não tem restrição de idade e todos podem participar. Lúcia Ferreira da Silva, 65 anos, aderiu ao projeto e convidou mais duas amigas para acompanhá-la na malhação. “Estamos sempre juntas e resolvemos participar. O professor é muito animado e passa uma energia muito boa. Eu tomava remédio contra depressão e desde que comecei a praticar ativi-

dades físicas me livrei da doença”. História semelhante foi contada pela dona de casa Marcília Maria do Carmo, 55 anos. Marcília, que tem hipertensão arterial, diz que consegue controlar a pressão com dietas corretas e os exercícios físicos. “Este projeto do vereador é muito bom, ele tira as pessoas do sedentarismo e proporciona mais saúde e bem estar para todos. Sempre faço a aferição da pressão antes dos exercícios, e já faz algum tempo que ela se mantém em 13 por 7. Isto para mim, é a glória!”. Disse animada, depois de 1 hora de aula. Entusiasmado com a adesão dos moradores, Rodinei já pensa em levar o projeto Mais Saúde para outros bairros da região. “Em breve, os moradores do bairro Darcy Ribeiro também vão praticar atividades físicas com um professor. Espero ampliar ao máximo o Mais Saúde, pois a satisfação de ver as pessoas cuidando do corpo e preservando a saúde para mim é muito importante”. Salientou o parlamentar. SERVIÇO: O Projeto Mais Saúde acontece todas as terças e quintas-feira de 19:30 às 20:30 horas. Quadra da Praça da Avenida dos Retirantes, em frente à rotatória.

Centenas de pessoas que passaram pela avenida João César de Oliveira, na praça do Iria Diniz, Eldorado, na segunda-feira, receberam material educativo, saquinho de lixo para automóveis e mudas de flores. Uma tenda foi montada no local e educadores ambientais da Prefeitura de Contagem e da Copasa mobilizaram a população para estimular atitudes concretas de preservação ambiental. A blitz educativa dá sequencia à Semana do Meio Ambiente em Contagem, iniciada com a Brigada da Limpeza na região do Industrial. A moradora do bairro Novo Riacho, Ana Valéria Nascimento Marques, que passava com sua filha Ana Júlia pelo local na hora da blitz, aprovou a ação. Ela recebeu o material e pegou as mudas para plantar em casa. "Considero muito importante a semana do meio ambiente, pois temos tanta destruição e é fundamental que todos sejam conscientizados para preservar a natureza. Penso muito na geração da minha filha e até dos meus netos, é preciso agir agora e cuidarmos do futuro do planeta", disse. A ação na cidade chamou a atenção de Floriza Maria de Almeida, moradora do bairro Nova Gameleira em Belo Horizonte. "Tive que vir a Contagem e fiquei feliz em saber que a cidade preparou uma semana inteira dedicada ao meio ambiente. Peguei algumas dicas sobre como fazer a coleta seletiva, pois preciso fazer a minha parte", afirmou. Conforme explica a diretora de Educação Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Fernanda Alves Pereira, a ação contribui para conscientizar e sensibilizar a população sobre a importância de não descartar resíduos pelas janelas dos automóveis, manter a cidade mais limpa como se fosse a nossa própria casa e divulgar também a semana do meio ambiente.

Semana do Meio Ambiente A Semana do Meio Ambiente terá uma programação diária de ações de educação ambiental. Estão previstas blitz educativas, oficinas, distribuição de mudas, fórum da Agenda 21 com a apresentação do Projeto de Aquicultura de Contagem e atividades com estudantes da rede municipal de ensino. No Dia Mundial do Meio Ambiente (5/6), a comemoração será no Parque Sarandi com a entrega da obra de revitalização, oficina de reaproveitamento de resíduos, tendas com atividades para estudantes da rede municipal de ensino e distribuição de material educativo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, IEF e Copasa, Rua de Lazer para as crianças e plantio de árvores do Projeto Uma Vida, Uma Árvore, parceria entre a prefeitura e a TV Globo Minas.

Confira a programação: Dia 3/6 (terça-feira) - Trilha Ecológica e oficina de construção de horta suspensa com idosos do Espaço Bem Viver. Local: Parque Gentil Diniz - Rua Maria do Carmo Diniz, 141, bairro Nossa Senhora do Carmo. Horário: 13h. Dia 4/6 (quarta-feira) - Reunião do Fórum da Agenda 21 (Apresentação do Projeto de Aquicultura de Contagem). Local: Auditório da Prefeitura - Praça Tancredo Neves, 200, bairro Camilo Alves. Horário: 14h. Dia 5/6 (quinta-feira) - Comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente. Local: Parque Sarandi - Avenida Severino Ballesteros Rodrigues, 1300, bairro Arvoredo. Horário: das 9h às 16h. Dia 6/6 (sexta-feira) - Blitz Educativa. Local: Avenida Prefeito Gil Diniz com rua Dr. Cassiano (Sede) e entrada do bairro Solar do Madeira - Avenida Chico Mendes. Horário: 9h30.

Para alegrar a criançada Junho está aí e, com ele, chegam as férias escolares. Apesar de serem um pouco fora da época de costume, devido aos jogos da Copa do Mundo, as atrações para a meninada não ficaram fora da programação do ItaúPower Shopping. O mall preparou atividades especiais para que adultos e crianças possam aproveitar ao máximo os dias de folga. Patinação no gelo e parquinho temático são as grandes atrações. De 13 de junho a 9 de agosto, uma pista de gelo estará disponível para o público patinar. O espaço, localizado na praça central do shopping, recebe crianças a partir de quatro anos. A atividade tem o custo de R$ 25 para patinar por 30 minutos e R$ 30, para 45 minutos. Tem ainda o Ice Car, uma espécie de trenó conduzido por monitores, voltado para crianças com até 3 anos. O valor é de R$ 15 para 20 voltas. Para os participantes, são oferecidos patins, equipamentos de segurança e monitores. Já entre os dias 19 de junho e 14 de julho, a meninada poderá se divertir no parquinho temático Lalaloopsy, desenho do Discovery Kids que conta

a história de bonecas de pano que, magicamente, ganharam vida assim que o último ponto foi costurado. O parquinho é destinado a crianças de 3 a 12 anos e será montado na praça de alimentação. Para participar, é preciso que os clientes façam R$ 30 em compras, o que permite 30 minutos de brincadeiras. Entre as atividades do parquinho estão cineminha, campo de futebol, camarim, fotografias e mesinhas para colorir. ATRAÇÕES FIXAS DO MALL Além das atividades especiais para as férias, as crianças também podem se divertir com as atrações fixas do ItaúPower Shopping, voltadas para este simpático público. Os “gamers” vão aproveitar os jogos e simuladores eletrônicos do Planet Sport. Os parques Sweet Play e Baby park são a pedida para os pais que buscam segurança e praticidade. E depois de um dia agitado de brincadeiras, nada melhor que curtir um cinema em família em uma das seis salas do mall.


Ano XVII - Nº 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Região Metropolitana Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com

Uso do cigarro é a principal causa de morte evitável no mundo A Secretaria de Saúde alerta: o tabagismo é relacionado ao desenvolvimento de cerca de 50 doenças diferentes. Para conscientizar a população sobre os riscos, foi criado o Dia Mundial Sem Tabaco ALINE PEREIRA

Ações e campanha contra o fumo são recorrentes na Cidade Administrativa

Para alertar a população sobre os perigos do cigarro, foi instituída a data 31 de maio como o Dia Mundial Sem Tabaco. Considerado um dos vilões da saúde humana, o tabagismo é a principal causa de morte evitável em todo o mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil, estima-se que 200.000 mortes/ano sejam decorrentes do uso do cigarro e 7 mortes/ dia por causa do tabagismo passivo. A dependência em relação ao fumo faz com que os fumantes se exponham continuamente a mais de 4.720 substâncias tóxicas, fazendo com que o tabagismo seja fator causal de aproximadamente 50 doenças diferentes, destacando-se as doenças cardiovasculares, o câncer e as doenças respiratórias obstrutivas crônicas. Os cânceres de pulmão, da cavidade oral, laringe e esôfago são doenças graves e estão relacionados ao uso freqüente do cigarro. Segundo a coordenadora de Tabaco, Álcool e Outras Drogas da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SESMG), Conceição Moreira, a instalação dessas doenças ocorre de forma lenta e gradual, demorando anos para que os danos causados à saúde do indivíduo se estabeleçam. “Como os sintomas das doenças causadas pelo uso do cigarro aparecem lentamente, é de extrema importância o desenvolvimento de estratégias e ações educativas continuadas direcionadas ao público infanto-juvenil, visando à incorporação de modos de vida saudáveis, através da adoção de comportamentos que reduzam, ao máximo, essa exposição”, disse. Ainda segundo a coordenadora, o tabagismo é responsável por 63% das mortes relacionadas a doenças crônicas não transmissíveis. “Cerca de 85% dessas mortes são por doença pulmonar obstrutiva crônica (enfisema); 30% por diversos tipos de câncer (pulmão, boca, laringe, faringe, esôfago, entre outros); 45% por infarto do miocárdio e 25% por doenças cerebrovasculares (acidente vascular cerebral), entre outras. Além disso, desencadeia e agrava condições como a hipertensão e diabetes e também aumenta o risco das pessoas desenvolverem e morrerem por tuberculose”, complementou. Para reduzir os impactos provocados pelo uso do cigarro, a SES-MG, por meio do Programa Estadual de Contro-

le do Tabagismo, em parceria com o Ministério da Saúde e municípios mineiros, oferece acompanhamento, monitoramento e capacitação para profissionais da saúde através da SES-MG, medicamentos e material didático para os grupos de tabagismo, oferecidos pelo Ministério da Saúde e atendimento médico e psicológico, que são ofertados pelos municípios.

Controle do Tabagismo Em Minas Gerais, foi implantado o Projeto Ambientes Livres do Tabaco nas Unidades de Atenção Primária à Saúde dos municípios, por meio do Programa de Fortalecimento da Vigilância em Saúde. A ação tem como objetivo já a descentralização para os municípios das ações de vigilância em saúde, incentivando os municípios a organizar os sistemas locais de vigilância em Saúde, em parceria com a atenção primária. Também foi realizada capacitação do curso Saber Saúde, ofertado às referências regionais de Saúde e das Superintendências Regionais de Ensino, em parceria com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), que tem como objetivo formar cidadãos críticos capazes de fazer opções conscientes que contribuam para sua saúde, a saúde coletiva e a do meio ambiente. Além disso, outras estratégias ocorrem de forma simultâneas, como a realização de campanhas educativas, a implementação de leis para proteger os não fumantes da exposição passiva, o aumento dos preços do cigarro, restrição à publicidade do tabaco, proibição de venda a menores e desenvolvimento de programas educativos em escolas, ambientes de trabalho e unidades de saúde.

Nova Lei antitabaco Nova lei antitabaco decreta fim dos fumódromos e proíbe cigarro em locais públicos semifechados. Medida será publicada na próxima segundafeira (2) e deve passar a valer em dezembro. No Dia Mundial Sem Tabaco, o Ministério da Saúde anunciou a regulamentação de nova lei antifumo, que estabelece que ambientes fechados de uso coletivo em todo o País devem estar 100% livres de tabaco. A norma criada por meio de decreto da presidente Dilma Rousseff, será publicada no DOU (Diário Oficial da União), na próxima segunda-feira (2). A

intenção é que a lei entre em vigor 180 dias após a publicação, ou seja, dezembro. Por meio da medida, serão extintos os fumódromos e qualquer propaganda comercial de incentivo ao fumo. Em locais públicos fechados ou parcialmente fechados por um toldo, por exemplo, fica proibido o consumo específico de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos, narguilés e outros produtos fumígenos. Outra obrigatoriedade é o aumento dos espaços para os avisos sobre os danos causados pelo tabaco. Agora, os alertas deverão aparecer em 100% das embalagens. A partir de 2016, um texto de advertência deverá constar em 30% da parte frontal dos maços de cigarros.

Fiscalização A lei não restringe o uso do cigarro em vias públicas, nas residências ou em áreas ao ar livre. Em mesas na calçada de bares e restaurantes, por exemplo, o fumo de cigarro continuará ser permitido. Porém, esses espaços terão de ter, necessariamente, algum tipo de barreira contra a fumaça, como janelas fechadas ou parede. A fiscalização da lei ficará por conta dos donos de estabelecimentos comerciais. Eles terão o dever de orientar seus clientes sobre as restrições e, se necessário, pedir para que não se fume no local. Quando o cliente se recusar a apagar o cigarro, a polícia poderá ser chamada, indica o Ministério. As vigilâncias sanitárias dos estados e municípios serão as encarregadas de fiscalizar o cumprimento da legislação pelos estabelecimentos comerciais. Em casos de desrespeito à lei, o estabelecimento pode receber multa, ser interditado e ter a autorização de funcionamento cancelada. Os valores das multas variam entre R$ 2 mil e R$ 1,5 milhão.

Necessidade Segundo o Ministério, o objetivo é proteger a população do fumo passivo e contribuir para diminuição do tabagismo entre os brasileiros. Em 2006, no Brasil, 15,7% da população adulta que vive nas capitais fumava. Em 2013, a prevalência caiu para 11,3%. O dado é três vezes menor que o índice de 1989, quando a PNSN (Pesquisa Nacional de Saúde e Nutrição), realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), apontou que 34,8% dos brasileiros eram fumantes.

9


Ano XVII - Nยบ 254 - 30 de Maio a 06 de Junho de 2014 - Contagem e Regiรฃo Metropolitana - Tel.: (31) 3042-0034 / 3041-5473 - www.jornalregionaldecontagem.com.br - email: gruporegionalcontagem@gmail.com EXEMPLAR CORTESIA - VENDA PROIBIDA

Jornal regional 254 site  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you