Page 1

BH Centro-Sul e Nova Lima / Nº 277 / 10 a 25 Fevereiro de 2018

Cidade / Página 3

Moradores ficam em alerta com acidente no Belvedere

Juliana Sales é selecionada para o Projeto RenovaBR

Política / Página 6

A arquiteta nova-limense é a única mulher selecionada em Minas para integrar o grupo criado para acelerar novas lideranças políticas e renovar o parlamento brasileiro

Empresário desiste de instalar o Memorial Vale do Sol

Nova Lima, em busca de novos desafios ao completar 317 anos Cidade / Página 8

Empresário procurou a diretoria da Associação de Proprietários e Moradores do Vale do Sol para comunicar a sua decisão. O imóvel onde seria implantado o Memorial, será destinado a outro negócio. O empreendimento criou divergência entre o empreendedor e os moradores, contrários ao crematório. A questão foi debatida na Assembleia de Minas, pela população contrária à instalação. Cidade / Páginas 4 a 7

No museu da Ducati Veículos / Página 14

Quem curte motocicleta e pretende viajar para a Itália, reserve então um dia para uma visita ao museu da Ducati. Lá, o visitante fará uma viagem ao passado e futuro de uma marca que completou 90 anos.

regiões contempladas com os investimentos é o Vila da Serra (foto) que já recebeu o Distrito de Inovação através do FiemgLAB.

Prefeitura lança Simulador do IPTU 2018 Cidade / Página 11

© Foto: divulgação / cedida Ducati

Ao completar 317 anos de fundação e 127 anos de emancipação políticoadministrativa, Nova Lima enfrenta novos desafios, como o equilíbrio financeiro de suas contas. Ao mesmo tempo, planeja obras na área de infraestrutura, saúde e educação, atrair novos investimentos e assegurar o crescimento do município para reduzir a dependência dos recursos oriundos da exploração mineral. Uma das


02

Opinião

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Reflexões importantes sobre a natureza Flávio Krollmman / Conselheiro da Promutuca / www.promutuca.com. br • adm.promutuca@gmail.com

Já faz muito tempo que o homem se sensibiliza pela importância da natureza para a sobrevivência da espécie humana e busca entender sua contraditória relação com o meio ambiente e sua preservação. Grandes personalidades bem como anônimos destilaram em suas frases e reflexões esta conflituosa relação que nos acompanha desde nossa criação. Veja algumas, muito importantes: “Cada dia a natureza produz o suficiente para nossa carência. Se cada um tomasse o que lhe fosse necessário, não havia pobreza no mundo e ninguém morreria de fome.” (Mahatma Gandhi) “Em todas as coisas da natureza existe algo de maravilhoso.” (Aristóteles) “Os que decidem sobre o amanhã devem avaliar o impacto no futuro.” (Jacques Costeau) “A natureza criou o tapete sem fim que recobre a superfície da terra. Dentro da pelagem desse tapete vivem todos os animais, respeitosamente. Nenhum o estraga, nenhum o rói, exceto o homem.” (Monteiro Lobato) “Ambiente limpo não é o que mais se limpa e sim o que menos se suja.” (Chico Xavier)

“Só quando a última árvore for derrubada, o último peixe for morto e o último rio for poluído é que o homem perceberá que não pode comer dinheiro.” (Provérbio Indígena) “É triste pensar que a natureza fala e que o género humano não a ouve.” (Victor Hugo) “O mundo tornou-se perigoso, porque os homens aprenderam a dominar a natureza antes de se dominarem a si mesmos.” (Albert Schweitzer) “O que eu faço, é uma gota no meio de um oceano. Mas sem ela, o oceano será menor.” (Madre Teresa de Calcutá) “Se soubesse que o mundo se acaba amanhã, eu ainda hoje plantaria uma árvore.” – (Martín Luther King) “Antes ser um homem da sociedade, sou-o da natureza.” (Marquês de Sade) “O desenvolvimento sustentável tem alto custo e vai beneficiar futuras gerações, que ainda não votam, nem pagam impostos. Daí vem a grande dificuldade em sensibilizar os governos para a questão.” (Gro Brundtland) “A natureza é o único livro que oferece um conteúdo valioso em todas as suas folhas.” (Johann Goethe) “A natureza nunca nos engana; somos sempre nós que nos enganamos.” (Rousseau) “A responsabilidade social e a preservação ambiental significa um compromisso com a vida.” (João Bosco da Silva)

“Quando o homem aprender a respeitar até o menor ser da Criação, seja animal ou vegetal, ninguém precisará ensiná-lo a amar seu semelhante” (Albert Schweitzer) “Digo que minha música vem da natureza, agora mais do que nunca. Amo as árvores, as pedras, os passarinhos. Acho medonho que a gente esteja contribuindo para destruir essas coisas.” (Tom Jobim) “Todos gostam da sombra, poucos plantam árvores.” (Autor desconhecido) “O custo do cuidado é sempre menor que o custo do reparo”. (Marina Silva) “Nunca o homem inventará nada mais simples nem mais belo do que uma manifestação da natureza. Dada a causa, a natureza produz o efeito no modo mais breve em que pode ser produzido.”(Leonardo da Vinci) “Não levar nada além de fotos; não deixar nada além de pegadas; não matar nada além de tempo.” (Lema do Excursionista) “Se você tem metas para um ano. Plante arroz; Se você tem metas para 10 anos. Plante uma arvore. Se você tem metas para 100 anos então eduque uma criança. Se você tem metas para 1000 anos, então preserve o meio Ambiente.” (Confúcio) “A natureza pode suprir todas as necessidades do homem, menos a sua ganância”- ((Mahatma Gandhi) “Seja o exemplo da mudança que você quer ver no mundo.” (Dalai Lama)

As trilhas de longa distância passarão por aqui Paulo André Mendes / Geógrafo e jornalista, colaborador da ArcaAmaserra - Associação para a Recuperação e Conservação Ambiental em Defesa da Serra da Calçada. / www.amaserra.org

É uma questão de tempo: as trilhas de longa distância passarão pelas nossas serras, vales e margens dos rios. Na edição 275, do JORNAL BELVEDERE escrevi sobre as trilhas de longa distância – um conceito ainda novo no Brasil, mas já bastante difundido pelo mundo. E comentei que em Minas já há algumas ideias no ar e também boas iniciativas em andamento. Fala-se, por exemplo, da trilha Trans-Espinhaço, entre Ouro Preto e Diamantina – uma ideia ousada, em cuja implementação poderíamos incorporar trilhas menores, já em funcionamento. Entre elas, a travessia Diamantina - Mendanha, a tradicional ligação Lapinha – Tabuleiro, e a recém-criada Travessia Alto Palácio - Serra dos Alves (esta última localizada no interior do Parque Nacional da Serra do Cipó). Mais ao norte também poderia ser aproveitada, no Parque Nacional das Sempre Vivas, uma travessia com 55 km de extensão. Esta travessia está em fase de planejamento.

E aqui no nosso “quintal”?

As grandes serras ao redor de Belo Horizonte farão parte dessa história. Mas, precisamos falar do nosso “quintal” – a vasta região montanhosa ao sul de Belo Horizonte, que segue até Ouro Preto, Ouro Branco Expediente: Publicação da SC Soluções em Comunicação e Editora LTDA. CNPJ: 05.840.966/0001-50 Registro: Cartório Jero Oliva - N. 1.112 - Livro B Redação e Administração: Av. Luíz Paulo Franco, 500 - Conj. 704/705 Belvedere Belo Horizonte - MG - CEP 30.320-570

e Congonhas, serra atrás de serra. Moeda, Caraça, Gandarela, Itacolomi, Geral, Veloso, Ouro Branco, Itatiaia, Curral e Rola Moça, entre outras. Desde pelo menos o final do século XVII – portanto há mais de 300 anos, com a nossa Corrida do Ouro, milhares e milhares de pessoas vieram para a nossa região, abrindo aos poucos um conjunto de vias para acesso e circulação. Os nomes desses caminhos se perderam no tempo – com a exceção dos mais importantes. Entre eles, o Caminho da Bahia (ou dos Currais), o Caminho do Rio de Janeiro (depois chamado de Caminho Velho), o Caminho dos Diamantes, o Caminho de Goiás e do Mato Grosso. E depois o Caminho Novo do Rio de Janeiro.

Felizmente ela sobreviveu ao tempo, é tombada pelo município de Ouro Preto e – tanto quanto eu saiba – vai bem, obrigado. A ponte Ana de Sá parece ter sido a única ponte existente no trecho alto do rio das Velhas nos tempos coloniais. Tudo indica que temos ali uma rota fundamental para ser revivida. Também na região de Ouro Preto vale a pena citar o Chafariz de Dom Rodrigo. Mais recente do que a ponte Ana de Sá, o chafariz foi erguido por ordem do então governador e capitão-general da Capitania de Minas Gerais, Dom Rodrigo José Antônio de Meneses, em 1.782. O chafariz foi uma obra de melhoramento para a nova (na época) ligação entre Cachoeira do Campo e Ouro Preto.

Estamos falando sim de resgate histórico – mas também haverá espaço para a inovação.

Mas, também vale inovar e pensar em caminhos não desenvolvidos no passado. Tanto em termos de rotas mais altas (ao longo das cristas das serras) quanto em termos de rotas mais baixas (acompanhando rios e baixadas). Muitas rotas interessantes podem ser desenvolvidas: a ligação Congonhas / Nova Lima, via Serra da Moeda, é uma delas. Essa rota pode se ligar a uma rota na Serra do Rola Moça, descendo para Brumadinho. Ou, no sentido oposto, pode ganhar a Serra do Curral e praticamente entrar em Belo Horizonte. Temos também a rota Ouro Preto / Belo Horizonte, via Serra Geral e Serra da Gandarela (aqui permitindo uma variante rumo o Caraça). Essa história promete.

Resgate e inovação Primeiro o resgate

Abrir um sistema de trilhas de longa distância em nossa região é portanto, antes de tudo, um exercício de pesquisa histórica. Encontrar na literatura dos grandes viajantes os caminhos percorridos. Observar os mapas antigos, muitos deles ainda em bom estado de conservação. Pesquisar o que sobrou dessas antigas estradas. Trarei dois exemplos interessantes. Entre Ouro Preto e Itabirito, sobre o rio das Velhas, fica a ponte Ana de Sá. Construída por volta de 1.700, a ponte é citada em inúmeros documentos e mencionada por vários viajantes.

Diretora: Maria Goretti Sena

Diagramação: Derivan Souza

Editora e jornalista responsável: Goretti Sena - Reg. MTB N. 3.053/MG

Circulação/Distribuição: Vinícius Leon

Publicidade / Comercial: publicidade@jornaldobelvedere.com.br Carlos Alves (31) 98482-9817

Edições anteriores: (31) 3264-0211 / 3286-2201

Projeto Gráfico: ORO Comunicação

Impressão: Sempre Editora

Tem alguma dúvida, sugestão ou reclamação? Nós queremos ouvir você. Envie um e-mail para redacao@jornaldobelvedere.com.br.

Inovação

*Os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não expressam, necessariamente, a opinião do Jornal. Distribuição gratuita: Belvedere e região, Alto Santa Lúcia, Avenida Bandeirantes, Vila da Serra, Condomínios de Nova Lima - MG-030 e BR-040 até o Alphaville e Centro Histórico de Nova Lima.


Cidade 03

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Após acidente, moradores querem medidas reparadoras da BHTrans Caminhão desgovernado na Avenida Luiz Paulo Franco deixa direção da Associação dos Amigos do Bairro Belvedere (AABB) apreensiva, já que havia alertado autoridades sobre perigo do tráfego destes veículos no trecho. Um acidente com um caminhão desgovernado na Avenida Luiz Paulo Franco, no Belvedere, acabou acendendo a luz de alerta sobre um antigo problema de circulação na região e deixou a diretoria da Associação dos Amigos do Bairro Belvedere (AABB) bastante apreensiva. O problema já havia sido relatado há mais de cinco anos para os técnicos da BHTrans. O caminhão, que desceu a Rua Severino de Melo Jardim onde perdeu o freio, bateu em um poste e arrancou duas árvores na calçada, deixando no chão um transformador de energia. Além de deixar os seus três ocupantes, o motorista e dois ajudantes feridos, o acidente causou a interrupção da energia na região e causou pane na rede de fibra ótica de várias operadoras de internet no bairro. Segundo informou o diretor José Renato Pereira, o grande problema é o acesso pela Rua Severino de Melo Jardim: “O motorista contorna a Rua Decíola Horta e sobe a Rua Severino de Melo Jardim em direção à Avenida Luiz Paulo Franco. No topo da via ele encontra um ponto cego, um quebra-molas e em seguida um aclive acentuado. Chegamos a presenciar vários caminhões carregados com areia descendo esta rua, deixando

José Renato: Diretor da AABB um rastro de lama, tornando o local ainda mais perigoso. Também já assistimos carros derrapando e motoqueiros caindo na via por conta desta areia na pista”, explicou. Segundo José Renato, uma das alternativas apresentadas à BHTrans na época era ampliar a circunferência da rotatória da Rua Decíola Horta, para que veículos maiores fossem obrigados à fazer a convergência na rotatória da Rua Djalma Andrade, que é mais larga e com uma visão mais privilegiada de toda a pista. Ele conta que a BHTrans chegou a raspar o asfalto em alguns trechos para promover a maior aderência de pneus em razão do risco de acidentes no local. Ainda segundo o diretor, a batida só não se transformou em tragédia porque o poste conseguiu segurar o caminhão: “Se não fosse isso, ele

Imagine um teste que avalia cada propriedade da sua pele a partir da análise do DNA. Firmeza, elasticididade, rugas, danos solares e pigmentação, sensibilidade e inflamação, e danos por radicais livres. Com o Personna age, você ainda recebe sugestões personalizadas de nutrição e tratamentos dermatológicos, para uma pele linda e saudável, por muito mais tempo.

Perigo: Moradores ficaram em alerta com acidente no Belvedere poderia descer arrastando outros veículos e provocar estragos maiores quando passasse pelo cruzamento da Avenida Paulo Camilo Penna”, alertou José Renato.

A questão é de segurança O presidente da AABB, Ubirajara Pires, informou que

EXPLORE TUDO QUE VOCÊ PODE SER. (31) 3228-6200

(31) 98498-8968

hermespardini.com.br/personna Responsável Técnico: Dr. Ariovaldo Mendonça - CRMMG 33.477 RQE 21.876 - Inscrição CRM 356 - MG

irá enviar um ofício à BHTrans, alertando sobre o risco de novos acidentes dessa natureza e solicitando medidas urgentes para conter o tráfego de caminhões pela Rua Severino de Melo Jardim. Segundo ele, embora o acidente tenha deixado apenas duas pessoas levemente feridas, a batida teve uma proporção muito grande. “Avisamos à BHrans que isso iria acontecer e os técni-

cos não nos deram atenção. Dessa vez foi um caminhão de mudança, mas poderia ser uma betoneira ou uma carreta. Foi um acidente grave. Bombeiros foram chamados para retirar os passageiros de ferragens, os eixos dianteiros foram parar ao lado das rodas traseiras. Sem contar que os bancos e comércio ficaram impedidos de trabalhar por causa da falta de energia, que só foi estabelecida 2h30m depois”, relatou Ubirajara Pires. Ainda segundo ele, o estrago poderia ser maior se o motorista não conseguisse parar o caminhão, pois mais à frente também existe o posto gasolina. Segundo Ubirajara Pires, a Rua Djalma Andrade possui 17 metros de largura e é uma das quatro ruas mais largas do bairro e poderia receber caminhões que descem vindo de Nova Lima. “É uma questão de segurança. A Rua Severino de Melo Jardim possui mão dupla, com um aclive muito acentuado e isso é uma tragédia anunciada. No dia do acidente tentamos falar com a diretoria da BHTrans para relatar o problema ocorrido, mas não conseguimos ser atendidos”, disse. José Renato lembrou que o prefeito Alexandre Kalil vem atendendo várias solicitações do bairro e acredita que ele irá se sensibilizar por esse problema de circulação nas vias.


4

Política

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Campanha quer conscientizar o homem para a violência contra a mulher © Foto: Divulgação

#NAOSEJAESSECARA - Projeto chama os homens à responsabilidade e propõe dar um basta nessa situação de agressão e discriminação contra o sexo oposto. O deputado estadual Fred Costa é o embaixador e idealizador da Campanha e também autor de um Projeto de Lei que tramita na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG) propondo a criação de um aplicativo que funciona como um alarme para ser usado em caso de emergência no pedido de socorro. Os números que chegam até nós sobre a violência feminina são estarrecedores: a cada 4 minutos uma mulher é vítima de agressão no Brasil. A cada uma hora e meia ocorre um feminicídio. A maior parte da população, segundo dados do levantamento “Percepções do Homem sobre a Violência Doméstica Contra a Mulher”, conhece algum homem que já agrediu alguém do sexo oposto. Campanhas de conscientização despontam em toda parte com a intenção de diminuir esses índices. Porém, o homem ainda não se engaja na maioria delas. Foi nesse contexto que surgiu o projeto #NAOSEJAESSECARA. A proposta pretende abordar o tema da violência contra a mulher, convidando a sociedade a dar um basta nessa situação. O objetivo da iniciativa é mobilizar, principalmente os homens, sobre a importância de repensar atos e refletir sobre a situação de discriminação vivida pela mulher, que é silenciada, agredida e diminuída em todas as esferas de sua vida. A campanha conta com o apoio

#NAOSEJAESSECARA: Campanha quer que homem reflita sobre a violência contra a mulher institucional da Polícia Civil de Minas Gerais. E o deputado estadual Fred Costa (PEN) é o embaixador e idealizador desta iniciativa, que está sendo produzida pelo publicitário mineiro Fred Izak. O parlamentar é autor de Projeto de Lei que tramita na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG) e propõe a criação de um aplicativo que funciona como um alarme para ser usado em caso de emergência no pedido de socorro. O foco inicial do APP, desenvolvido em parceria com a Polícia Civil, são as mulheres que estão sob vigência de medidas protetivas, mas o objetivo é expandir brevemente para toda a população feminina.

E, é na comunicação direta com eles, que a campanha se difere, convidando o “abusador” em potencial a assumir a responsabilidade de seus atos e, de forma alguma, apontar a figura feminina como culpada de um caso de agressão, seja ela psicológica ou física. “Durante anos, falamos às mulheres que cabia a elas evitar agressões sexuais. Queremos mudar isso e falar diretamente para os homens. Em vez de colocar a responsabilidade pela prevenção de agressões sexuais nas mãos das vítimas, a comunicação apela para potenciais infratores - falando diretamente com eles, na sua língua. A mensagem é clara: não seja esse cara”, explica Fred Costa.

BH tem lei para fabricação de carimbo profissional Objetivo é coibir a falsificação de carimbos de profissões regulamentadas. Projeto de Lei que define regras para fabricação e comercialização dos carimbos foi sancionado pelo prefeito. Em vigor desde o último dia 19

dor legal registrado em cartório poderá

De acordo com a justificativa do veto

de janeiro, a Lei Municipal 11.108 exige

fazê-lo. Neste último caso, a procuração

parcial, tal imposição, ao definir atri-

que a fabricação ou comercialização

deverá ficar retida no estabelecimento

buições para diferentes órgãos da ad-

de carimbo de profissão regulamenta-

vendedor do carimbo.

ministração pública, representaria uma

da só ocorra mediante a apresentação

O estabelecimento que fabricar

ingerência indevida em matéria cuja

de registro de inscrição do solicitante

carimbo em desconformidade com o

iniciativa seria privativa do Chefe do

junto a órgão representativo e fisca-

disposto na lei ficará sujeito à multa de

Executivo Municipal.

lizador de sua categoria profissional.

R$ 5 mil, sem prejuízo de outras san-

Caberá à Câmara Municipal apre-

O objetivo da lei, que é originária de

ções. Em caso de reincidência, a multa

ciar o veto parcial, que será encami-

projeto do vereador Jair Di Gregório

será aplicada em dobro. Se a infração

nhado a uma comissão especial a ser

(PP), é coibir a falsificação de carim-

persistir, caberá o fechamento do esta-

designada pelo presidente do Poder Le-

bos de profissões regulamentadas em

belecimento e a restrição de sua ativi-

gislativo. Após a apreciação da comis-

lei como médico, veterinário, psicólogo

dade industrial e comercial.

são ou findo o prazo de 30 dias seguin-

e engenheiro.

O prefeito Alexandre Kalil (PHS)

tes ao recebimento do veto parcial pela

De acordo com a norma, o estabe-

vetou o artigo 6º da lei, que obriga o Po-

Câmara, haverá a deliberação em Ple-

lecimento vendedor do carimbo deverá

der Executivo a realizar procedimentos

nário, podendo os parlamentares man-

arquivar uma cópia do registro profis-

de fiscalização tributária, ambiental, de

tê-lo ou derrubá-lo. Caso o veto parcial

sional do comprador. Caso o próprio

saúde e consumerista no que tange à

seja rejeitado, o artigo vetado entrará

solicitante do carimbo não possa com-

fabricação e comercialização de ca-

em vigor na data da nova publicação

parecer no ato da compra, um procura-

rimbos de profissões regulamentadas.

no Diário Oficial do Município.

Comércio é contra acesso gratuito aos seus sanitários A aprovação em primeiro turno do Projeto de Lei 128/2017, de autoria do vereador Jair di Gregório (PP), no último dia 6 de fevereiro, não agradou os setores de comércio e serviços. Para a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), o projeto, que dispõe sobre o acesso gratuito às instalações sanitárias em estabelecimentos comerciais, penaliza o setor produtivo da capital mineira. Para Bruno Falci, presidente da CDL/BH, a instalação de banheiros públicos é um direito do cidadão e um dever da Prefeitura. “Não é possível transferir para o setor privado as obrigações do Estado. O empresário já sofre com as elevadas cargas tributárias e não pode arcar com mais este ônus, assumindo tal responsabilidade”, afirmou. Ciente das penalidades que essa proposta traz aos setores a CDL/BH já vinha se posicionando contrária ao PL 128. Em abril de 2017, a Entidade enviou ofício ao presidente da Câmara, vereador Henrique Braga (PSDB), apresentando os argumentos contrários ao projeto. “Com esse projeto verificamos mais uma vez, a interferência do poder público na atividade privada, contrariando princípio constitucional descrito no artigo 170 da Constituição da República”, explica Falci. O Projeto 128/2017 pretende que centros comerciais disponibilizem seus sanitários para o uso de sua clientela de forma gratuita, estabelecendo ainda, que para crianças de até 12 anos e idosos acima de 60 anos, será dispensada a condição de ser cliente para usufruir das instalações sanitárias.


Política 05

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Marcio Lacerda reafirma que vai disputar o Governo de Minas

Em visita a lideranças de Nova Lima, o ex-prefeito de Belo Horizonte descarta disputar uma das vagas ao Senado e que a experiência de gestor o leva a disputar o cargo máximo do Executivo do Estado. O pré-candidato ao Governo de

Estudei em excelentes escolas públicas, tive a oportunidade de ser um empreendedor e construir uma família muito saudável. Por outro lado, o que eu tenho a oferecer ao povo mineiro neste momento é a minha trajetória. Uma experiência de relativo sucesso na iniciativa privada.

Minas, o ex-prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda, cumpriu agenda de trabalho em Nova Lima no último dia 31 de janeiro. Ele está retomando o roteiro de viagens, iniciadas em julho de 2017, para visitar cidades e se apresentar como pré-candidato. Ao todo já foram visitados mais de 120 municípios. Na visita à Nova Lima, primeiro, Márcio Lacerda se encontrou com empresários na Associação Comercial, Industrial e de Serviços da cidade e depois se visitou outras lideranças e o prefeito Vitor Penido. O ex-prefeito de BH destacou, na ocasião, a importância dessas viagens para conhecer de perto a realidade de todo o Estado e receber das pessoas contribuições para um novo projeto para Minas Gerais. Durante o encontro com as lideranças, Márcio Lacerda fez um relato do cenário de descrédito generalizado pela política e da situação do Estado que segundo ele “se encontra sem planejamento nos próximos dez anos, sem projetos para alavancar Minas no país, e em uma das maiores crises de ordem econômica, fiscal e financeira, responsável pelo atraso de pagamentos em especial a folha de servidores”.

“Ofereço a minha trajetória”

duas empresas que eu montei atuaram com muito êxito em 16 estados do País e no exterior, sempre valorizando muito os funcionários, as equipes, as pessoas. Na vida pública, dois governos em Belo Horizonte que foram reconhecidos no País e no exterior. Nossa gestão ganhou vários prêmios nacionais e internacionais. Uma trajetória limpa, honrada. E muita vontade de trabalhar para oferecer ao povo mineiro um novo jeito de governar. Com absoluta transparência, falando a verdade, sem falsas promessas ou soluções fáceis. Tenho percorrido muito o interior e o povo está querendo este diálogo franco e sincero. E esse é o meu jeito de trabalhar. E isso eu quero deixar expresso em um programa de governo realista, consistente e factível”, relatou.

Questionado sobre seu entusiasmo para se candidatar e assumir um Estado nessas condições, ele informou que em primeiro lugar, quer retribuir tudo que o País o proporcionou. “Estudei em excelentes escolas públicas, tive a oportunidade de ser um empreendedor e construir uma família muito saudável. Por outro lado, o que eu tenho a oferecer ao povo mineiro neste momento é a minha trajetória. Uma experiência de relativo sucesso na iniciativa privada”, destacou Márcio Lacerda. E argumentou dizendo: “Antes dos 30 anos me tornei empresário e as

Sua piscina transbordando limpeza!

...é importante destacar que o meu partido, o PSB, confiou a mim esta responsabilidade de construir uma candidatura a governador do Estado aqui em Minas Gerais.

Lacerda contou que em suas an-

nha vida sempre tive uma trajetória

danças por Minas Gerais as pessoas

de gestor, seja na iniciativa privada

costumam falar que precisam “de pes-

ou na vida pública. Também é impor-

soas mais técnicas na política e o que

tante destacar que o meu partido, o

eu tenho dito é que lá atrás, em 2008

PSB, confiou a mim esta responsabili-

e em 2012, a maioria da população de

dade de construir uma candidatura a

Belo Horizonte me confiou os votos jus-

governador do Estado aqui em Minas

tamente porque este é o meu perfil”.

Gerais”, ressaltou. Natural de Leopoldina, Marcio

Senado, não

Lacerda é administrador de empresas, é casado e tem três filhos e cin-

Sobre o fato de não pleitear uma

co netos. Entrou para a política em

das duas cadeiras do Senado ao in-

2003, quando assumiu a função de

vés do cargo executivo do Estado, La-

secretário-executivo do Ministério da

cerda disse ao JORNAL BELVEDERE

Integração. De 2007 a 2008, foi Se-

que teve uma trajetória na iniciativa

cretário de Estado de Desenvolvimen-

privada e sempre como gestor e, que

to Econômico de Minas Gerais. E em

no Senado, seria uma atuação mais

2008 foi eleito prefeito de Belo Ho-

política. “Logo depois, na vida pública,

rizonte e reeleito em primeiro turno

ocupei cargos no Executivo, com atu-

em 2012. Durante seus dois mandatos

ação em gestão, e depois tive a honra

foi apontado por quatro vezes, pelos

de ser o prefeito de Belo Horizonte

institutos Ibope e Datafolha, como o

por dois mandatos. Ao longo da mi-

melhor prefeito do Brasil.

Cloro 138

,90

R$

Balde

10kg

Av. Nossa Sra do Carmo, 2007


6

Política

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Movimento RenovaBR já está presente em BH e Nova Lima

A jovem nova-limense, arquiteta e urbanista Juliana Sales é a única mulher selecionada em Minas para integrar o grupo criado para acelerar novas lideranças políticas e renovar o parlamento brasileiro. © Foto: divulgação/RenovaBR/cedida Juliana Sales

pela vida política. Já foi can-

Em um governo onde

putados estaduais e federais,

se troca o voto de um parti-

bem como ajudá-las a desen-

didata à vereadora em Nova

do por um ministério, e onde

volver a capacidade de diálogo

Lima pelo PV e incomodada

políticos são corrompidos por

e a convergência para solução

por uma situação na época,

vantagens e favorecimentos, o

dos problemas do Brasil. Des-

chegou a retirar sua candida-

que se pode esperar? O Brasil

sa forma, o RenovaBR espera

tura. Também é idealizadora e

que vive uma profunda crise

contribuir para a renovação do

apresentadora do Projeto Des-

de ordem política, moral e eco-

cenário político nacional.

mistificando a Política, que vai

nômica, tem jeito? A resposta

A arquiteta e urbanista,

ao ar pelo Facebook e pelas

vem do RenovaBR, um movi-

Juliana Sales, 26 anos, natural

redes sociais. Nele, ela trata a

mento criado em outubro do

de Nova Lima, é a única mu-

política de forma descompli-

ano passado com o propósito

lher selecionada de Minas Ge-

cada para mostrar como ela

de acelerar novas lideranças

ras para o RenovaBR e com ela

está no nosso cotidiano. O seu

políticas e renovar o Congres-

estão nomes conhecidos como

último cargo foi de assessora

so Nacional. Trata-se de um

o do Cel. Bianchini e de Lucas

parlamentar na Assembleia

projeto criado para capacitar

Garcia, neto do ex-governador

Legislativa de Minas.

cidadãos para ingressarem na

Hélio Garcia. De 4 mil inscri-

política. O objetivo é preparar

tos, apenas seis foram aprova-

pessoas que nunca ocuparam

dos no Estado e ao todo 100

cargos públicos eletivos para

pessoas foram classificadas

possíveis candidaturas a de-

em todo o País.

Presença feminina Juliana Sales evidencia que as mulheres precisam ocu-

Escola de lideranças políticas Juliana Sales conta que

pessoas com diferentes histó-

trata-se de “um projeto sensa-

rias políticas, sem partido, e

cional, uma escola aceleradora

com o objetivo de convergir

de lideranças políticas, com

para fazer a diferença”, rela-

cursos de imersão em direito

ta. Ainda segundo ela, o Re-

eleitoral, marketing e gestão

novaBR apresenta a política

pública, entre muitos outros.

de igual para igual através

Ela defende que “hoje o maior

da união da população. “Se

problema é o cidadão comum

pensarmos que 90% da popu-

querer ser político. E isso difi-

lação não se vê representada

culta para quem vai competir

pela política brasileira, en-

com quem já tem mandato,

tendemos porque todos que

sobrenome ou uma infraes-

estão ali no Renova têm essa

trutura completa que o ajuda

vontade de fazer a mudança.

a eleger”.

Porque é através da política

A

arquiteta

continua:

que se faz a diferença, em-

“Não estamos ali para discu-

bora muitos não entendam

tir direita ou esquerda, por-

assim. O que o RenovaBR nos

que essa polarização levou à

proporcionar é a capacitação

crise política nacional. Somos

para representar as pessoas

par mais cargos de liderança, porque não estão fortalecidas e pouco representadas dentro de partidos políticos: “No RenovaBR, a participação feminina já é vista com mais representatividade do que temos hoje. Dos seis mineiros selecionados para integrar o movimento,

Estamos ali aprendendo a essência da política e o que nos converge além dos valores éticos é essa premissa do RenovaBR que é a vontade de servir

RenovaBR: Integrantes selecionados no Brasil para formação das novas lideranças políticas

com conteúdo e qualidade”.

cinco são homens. Enquanto

Ela explica que o Reno-

na Câmara de Nova Lima não

vaBR não os obriga a nada,

há uma representante femini-

nem a candidatar. Mas que

na. Na Assembleia, dos 77 de-

aqueles que se candidatarem

putados eleitos nessa legislatu-

precisam ter acima de tudo

ra, somente seis são mulheres.

ética, transparência no man-

Isso em um Estado onde a

dato com prestação de contas.

maioria da população é forma-

“O RenovaBR não vai influen-

da por mulheres. Precisamos

ciar o candidato a nada. Esta-

corrigir esses dados e marcar

mos ali aprendendo a essência

nossa presença”, definiu.

da política e o qu e nos con-

O curso de capacitação

verge além dos valores éticos

no RenovaBR vai até o mês de

é essa premissa do RenovaBR

julho. Ele oferece uma bolsa

que é a vontade de servir”, res-

de estudos financiada por um

salta Juliana Sales.

grupo de cidadãos, no valor

Questionada se é candi-

até R$ 12 mil, e que varia de

data a algum cargo político,

acordo com o custo de vida da

ela confirma que sim. “Sou pré-

região ou do Estado.

-candidata a deputada estadu-

A filosofia do movimen-

al, ainda sem partido”, revela.

to parte do princípio de que

Com relação à sua contribui-

“o Brasil só será o País de to-

ção para as pessoas a partir

dos quando sua pluralidade

desse curso de imersão, a ar-

estiver representada no Le-

quiteta conta que sua maior

gislativo, os problemas reais

contribuição “será mostrar que

da vida dos brasileiros sendo

todos são seres políticos e isso

resolvidos por representantes

não é coisa ruim. A política

preparados, éticos e compro-

está atrelada ao amor, ao pro-

metidos com o bem comum,

pósito de servir. Se acontece

e o parlamento for percebido,

diferente, algo está muito erra-

de fato, como um espaço para

do”, responde.

debates de alto nível e uma

Juliana

Sales,

embora

muito nova, tem passagem

incubadora de lideranças e políticas públicas.”


7

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

O

M RA ais A e P sr

P

RO

O o N T Fo t

RA

R

B O R D E A U X R E S I D E N C E UM PROJETO EXCLUSIVO NO VILA DA SERRA. A REALIZAÇÃO DOS SEUS SONHOS.

• Apartamentos de 230 m2, 253,32 m2, 293,89 m2 e 333,20 m2. • 4 suítes, sendo a máster com hidro e closet. • Armário e persiana elétrica nos quartos. • Salas e varanda com piso de mármore. • Torres com vista panorâmica, revestidas com granito aerado. • 4 ou 5 vagas na garagem. • Aquecimento central gás/solar e sistema de reúso das “águas cinzas”. • Elevadores codificados. • Lazer completíssimo, estilo resort.

VISITE O DECORADO. Av. de Ligação, 620 • Vila da Serra (A 400 m da Fundação Torino)

3280-8000

Plantão de vendas no local. conartesengenharia


8

Cidade

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Nova Lima faz 317 anos e busca ajuste financeiro e novos caminhos Vivendo uma das piores crises financeira e fiscal de sua história, cidade quer atrair novos investimentos apostando no crescimento e na qualidade de vida dos moradores. © Foto: divulgação/Google Maps

Nova Lima completou, no último dia 5 de fevereiro, 317 anos de fundação e 127 anos de emancipação político-administrativa. A cidade que sempre usufruiu dos recursos oriundos da exploração mineral, está enfrentando nos últimos anos, uma das suas piores crises fiscal e financeira. Diante da recessão profunda que o País vem atravessando, e de gestões municipais desastradas, a cidade busca o caminho do equilíbrio financeiro de suas contas e tem, como maior desafio, a atração de novos investimentos, já que o Ciclo Minerário, está, a cada dia, mais próximo do fim. Mesmo diante da vitória obtida pelas cidades mineradoras no final de 2017 com o aumento da alíquota da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), este recurso não é suficiente para cobrir o rombo das finanças públicas de Nova Lima, uma vez que a arrecadação da cidade ficou, em 2017, menor do que em relação ao ano anterior.

Praça Bernardino de Lima: O Centro Histórico é um dos pontos mais marcantes de Nova Lima Segundo

a

gestão

municipal,

Mesmo diante destes desafios,

me estabelecida no projeto do IPTU

Além disso, a CFEM tem destina-

mesmo com essas medidas austeras, o

Nova Lima quer continuar em busca

votado no dia 29 de dezembro, e as de-

ção específica na área de infraestrutu-

município ainda precisa potencializar

do crescimento com novos investimen-

mais medidas austeras tomadas pela

ra e não pode ser gasta outras ações

a arrecadação para ter condições de

tos, como indústrias limpas e centros

gestão atual causaram insatisfação

prestadas à população. “Fomos obriga-

investir na prestação de serviços. Esse

de inovações tecnológicos, e com atra-

dos moradores, em especial dos con-

dos a tomar medidas como a redução

passivo, segundo a administração, “foi

ções para promover o turismo local

domínios prediais e horizontais e em

do custeio da Prefeitura, a Reforma

deixado pela omissão de gestões pas-

para manter o título de cidade susten-

várias regiões do município. Alegando

Administrativa e a reestruturação dos

sadas em fazer a revisão de valores. E

tável com excelente qualidade de vida

abuso no reajuste do IPTU, os morado-

serviços para sanar esse caos finan-

isso fez com que o município perdesse

para as pessoas.

res protestam e prometem entrar com

ceiro estabelecido”, disse o prefeito Ví-

em recursos e fosse obrigado, agora, a

tor Penido.

fazer as adequações necessárias.”

A readequação de valores da Planta Genérica dos Imóveis, confor-

ações judiciais para barrar o aumento do imposto.

Uma cidade que se renova a cada dia

© Foto: divulgação/cedida CSul

Nos últimos anos, o município vem atraindo novos investimentos, incentivando o turismo e a promoção da qualidade de vida para as pessoas. Com raízes cravadas nas monta-

últimos anos revelaram que Nova Lima

nhas de Minas e na extração mineral,

é considerada a melhor cidade para se

Nova Lima foi uma cidade que durante

viver em Minas Gerais, com um IDH

muitos anos viveu da produção do ouro

(Índice de Desenvolvimento Humano)

e sob forte influência dos imigrantes

superior a 0,8%. Além disso, alcançou

ingleses. Nos últimos anos, a cidade se

0,704 no Índice Mineiro de Responsa-

transformou, com políticas importantes

bilidade Social, indicador da Funda-

para a atração de investimentos, incen-

ção João Pinheiro para avaliar renda,

tivo ao turismo e promoção da qualida-

saúde, educação, segurança pública,

de de vida para as pessoas.

gestão, habitação e meio ambiente dos

O fato de fazer fronteira com a

Alphaville Lagoa dos Ingleses: Um dos bairros planejados de Nova Lima

municípios do mineiros.

Região Centro-Sul de Belo Horizonte,

Com 84 mil habitantes, Nova

A gastronomia e o turismo tam-

reza e praticar esportes. As montanhas

Nova Lima tem atraído moradores para

Lima é hoje uma cidade empreendedo-

bém são um convite para visitantes e

e trilhas da cidade são atrativos para os

os diversos condomínios que se insta-

ra, se tornando um polo turístico, gas-

moradores, com belas paisagens, inúme-

praticantes de mountain bike, trekking

laram na região. Atraídos pelo clima do

tronômico, cervejeiro, esportivo e cul-

ras cachoeiras, pousadas aconchegan-

e corrida de aventura. A Lagoa dos In-

verde das matas e as belas vistas das

tural. No cenário nacional destaca-se

tes e restaurantes que vão da tradicio-

gleses é um lugar especial para os pra-

montanhas, o mercado imobiliário tem

pela produção de cervejas artesanais,

nal cozinha mineira à alta gastronomia.

ticantes dos esportes aquáticos, sendo

ofertado empreendimentos de alto luxo.

considerada a cidade com a maior pro-

A cidade também é procurada

palco de competições internacionais de

Com isso, estudos divulgados nos

dução do setor em Minas.

por pessoas que querem curtir a natu-

wakeboard.


Cidade 9

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Prefeitura de Nova Lima anuncia pacote com mais de 30 obras Na MG-030, será criada terceira faixa

Região de condomínios vai ganhar recapeamento, criação de terceira faixa em trecho da MG-030, construção da Alça de Macacos e esgotamento sanitário. No aniversário de 317 anos da

Jardim Canadá e outras estão em fase

cidade, a gestão municipal também

de projetos e em processo licitatório.

preparou o lançamento de um “pacote”

De acordo com a prefeitura, a previ-

com mais de 30 obras, a serem rea-

são de entrega de grande parte dessas

lizadas já a partir desse mês. “Depois

obras é, ainda, para esse ano de 2018.

de reequilibrar parte das finanças pú-

Porém, algumas mais complexas, como

blicas, o Governo Municipal prepara

a terceira via da MG-030 demandarão

investimentos em um pacote de obras,

mais tempo. “As datas de entrega serão

de curto, médio e longo prazo, em di-

definidas durante e após as licitações”,

versas regiões da cidade. As obras pre-

afirmou a Assessoria de Comunicação.

vistas constituem a construção e refor-

Com relação à escala de priori-

mas de escolas e unidades básicas de

dades, a prefeitura esclareceu que “o

saúde, ampliação de edifícios públicos,

maior número de obras acontecerá

melhorias viárias, dentre outras rea-

nas áreas de Saúde e Educação, depois

lizações”, anunciou a atual gestão na

a prioridade será na área da Cultura,

Prefeitura de Nova Lima.

seguindo em infraestrutura, como as

“Os recursos- segundo a gestão

intervenções na rodovia MG 30, que é

de Vitor Penido-, serão provenientes

uma importante via da cidade e, que,

da revisão de IPTU e da nova alíquota

inclusive há previsão para a constru-

da CFEM que, no final do ano passado,

ção de uma passarela e a alça de Ma-

passou de 2% do faturamento líquido

cacos, muito importante para a região”.

das mineradoras para 3,5% do fatura-

E que os critérios adotados foram defi-

mento bruto. O incremento foi obtido

nidos conforme o nível de necessidade

após vários anos de luta da Associação

da comunidade, importância para a ci-

dos Municípios Mineradores de Minas

dade e demandas antigas da popula-

Gerais (AMIG), por uma contrapartida

ção nova-limense.

mais justa pela exploração do minério

No caso do Vila da Serra e Vale

e seus impactos ambientais negativos”,

do Sereno, o que está previsto é o reca-

ressalta em nota a Prefeitura de Nova

peamento das ruas, cujas intervenções

Lima.

devem começar, em março, em aproxi-

“Depois de ações austeras e – nem

madamente dez vias. “Existem outras

sempre populares – que fizemos, vamos

obras como, por exemplo, a construção

iniciar mais de 30 obras para atender

da Unidade de Segurança do Vila da

demandas antigas da população. Tere-

Serra, que não está relacionada neste

mos motivos para comemorar os 317

pacote, mas é um projeto que será re-

anos de Nova Lima. Começamos a ca-

alizado. Ainda de acordo com a Secre-

minhar, com a mesma coragem que ti-

taria de Comunicação, trata-se de uma

vemos em 2017, seguiremos em 2018”,

obra que estava prevista e que terá

afirmou o prefeito Vitor Penido.

continuidade neste ano.

A primeira obra prevista foi iniciada no ultimo dia 5, na Policlínica do

Obras anunciadas pela Prefeitura de Nova Lima que estão na região:

Ampliação do prédio da Prefeitura

Uma terceira faixa será construída ao longo da rodovia MG-030, em convênio com o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DEER)

para

dar

mais

fluidez ao tráfego de veículos. Essa nova pista será criada em diversos trechos no sentido trevo de Rio Acima e Raposos e também do trevo do bairro Oswaldo Barbosa Pena até o “Trevo do trator” que dá acesso à parte central do município. Os veículos pesados e com baixa velocidade poderão usar essas Vila da Serra: Várias ruas do bairro estão com o piso asfaltico danificado e cheio de buracos

faixas e, assim, o trânsito ficará mais livre.

Obras no Jardim Canadá Centro de Educação Infantil no

a Prefeitura realizará serviços de ilu-

Jardim Canadá: a fim de ampliar o

minação, cercamento e construção de

atendimento para crianças de 2 e 3

banheiros.

anos da Região Noroeste, o bairro Jar-

Obra na Policlínica do Jardim Ca-

dim Canadá receberá um novo Centro

nadá: a primeira obra do pacote já co-

de Educação Infantil. Antes de ser en-

meçou e se trata de uma das mais an-

tregue à população, o prédio passará

tigas reivindicações dos moradores da

por uma série de intervenções necessá-

Região Noroeste: a retomada da cons-

rias para a sua conclusão.

trução da Policlínica do Jardim Canadá.

Poliesportivo do Jardim Cana-

O equipamento público fica localiza-

dá: o Ginásio Poliesportivo do Jardim

do na Rua Vancouver, 225, e oferecerá

Canadá será concluído e aberto para

acompanhamento e pequenos proce-

a utilização da comunidade, além das

dimentos cirúrgicos, raio-x e consultas

atividades físicas dos alunos da Es-

com clínico geral, pediatra, ginecologis-

cola Municipal Benvinda Pinto Rocha.

ta e dentista. Anexos à Policlínica, have-

Para poder receber os alunos, atletas e

rá ainda uma nova Unidade Básica de

o público com conforto e comodidade,

Saúde (UBS) e o serviço de urgência.

Alça de Macacos A

construção

da

chamada

próximo à ponte, na estrada de São

“Alça de Macacos” vai criar uma

Sebastião das Águas Claras, até a

alternativa de trânsito para aliviar

altura da Escola Municipal Rubem

os congestionamentos nas vias na

Costa Lima, localizada na rua Dona

parte central de São Sebastião das

Maria da Glória. Além disso, serão

Águas Claras (Macacos). Será cons-

destinados R$ 100 mil para restau-

truída uma alça de acesso ao cen-

ração da Igreja, localizada no centro

tro do bairro, partindo do trecho

do Distrito.

Esgoto Sanitário Com o estudo arquitetônico desenvolvido por profissionais da Secre-

Será realizada uma obra de esgo-

meida, Boa Vista, Mina d’Água e Min-

taria de Planejamento, será construído, no espaço ocioso ao lado da Prefeitura,

tamento sanitário, desde o Vila Nova

gu até uma Estação de Tratamento de

um prédio para onde várias unidades serão transferidas. O objetivo é proporcionar

Betânia, passando pelos condomínios

Esgoto (ETE), que será construída no

mais agilidade na prestação de serviços, além deeconomia de aluguel.

Residencial Sul, Le cottage, José de Al-

bairro Matadouro.


10

Cidade

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Empreendedor desiste de instalar crematório no Vale do Sol Empresário procurou as lideranças do bairro para comunicar a sua decisão. O imóvel onde seria implantado o memorial será destinado a outro negócio ou até mesmo comercializado. O diretor da Associação de Proprietários e Moradores do Vale do Sol (APREVS), Luiz Fernando Diniz, informou que a entidade foi procurada pelo empreendedor do crematório para comunicar que, diante do estágio atual que se encontra a operação, ele estaria desistindo do memorial na região e que estaria colocando o imóvel à venda ou para locação. “Essa decisão é importante para toda comunidade da região, porque o crematório não será mais instalado no Vale do Sol. Usamos todos os instrumentos legais e éticos para lutar contra esse empreendimento e agora estamos sendo parceiros do empreendedor na busca de uma solução para seu imóvel”, informou Luiz Fernando Diniz. O diretor da Associação do Vale do Sol lembra que desde o início da instalação do empreendimento criou-se uma divergência entre a vonta-

Imóvel: O prédio inacabado no Vale do Sol poderá ser comercializado ou receber outro tipo de empreendimento

de do empreendedor o entendimento

renciada ou um negócio mais atrati-

do se fala que em países da Europa

Gerais (ALMG), por sua vez, disse que

de moradores, totalmente contrários

vo para a região. E que por parte da

é comum um crematório ao lado de

a decisão do empresário foi a mais

à instalação de um crematório na

APREVS, a entidade está trabalhando

residências familiares, eu respeito e

acertada e sensata, uma vez que hou-

principal avenida do bairro, que liga

para indicar um comprador ou loca-

digo que lá os costumes são outros.

ve resistência e rejeição de todos os

também aos condomínios Passárgada

tário para o imóvel.

São culturas diferentes e o que nós fi-

moradores para a instalação do cre-

zemos aqui foi lutar por uma deman-

matório naquele local. De acordo com

da de moradores. A ACH sempre foi

o parlamentar, além da posição con-

contra a instalação desse crematório

trária unânime dos moradores que o

e continuará unida para defender os

procuraram, existe um fator que está

interesses coletivos da população”,

à frente de tudo isso que é a lei. “Os

explicou Portilho.

serviços de operação e manutenção

e Morro do Chapéu. “Nada na região que a maioria não fosse favorável nós aceitaríamos, ainda mais se tratando de um negócio do porte, um memorial. O que fizemos foi buscar os meios le-

Deputado diz que decisão é acertada e sensata

gais, de forma ética para combatermos. E contamos com o apoio fun-

Já o presidente da Associação

O deputado Fred Costa, que teve

de cemitérios e crematórios são uma

damental do deputado Fred Costa

dos Condomínios Horizontais (ACH),

grande atuação no movimento junto

concessão pública. E, como todo ins-

(PEN)”, relatou.

Aloísio Portilho, comentou que o em-

aos moradores, realizando reuniões

trumento público de serviços, nesse

Luiz Fernando comenta que o

preendimento era irregular e que o

com a APREVS e ACH e até propon-

sentido, deve ser precedido de prévia

local, ainda inacabado, poderá abrir

empreendedor escolheu o lugar erra-

do uma Audiência Pública na Assem-

licitação, através de modalidades es-

uma grande clínica, uma escola dife-

do para instalar um memorial. “Quan-

bleia Legislativa do Estado de Minas

pecíficas”, ressaltou.

Empresário desabafa: “O Brasil me fez desistir” Ao exteriorizar seu sentimento

versos protocolos seus sem respostas.

limpo e sustentável, que é referencia-

em torno de R$ 1 milhão. E que está

em relação à decisão, o empreende-

“A origem de tudo isso foi a adminis-

do com todas as práticas de sustenta-

iniciando os contatos com a prefeitura

dor, Felipe Dias, respondeu ao JOR-

tração pública municipal. Se soubesse

bilidade mundiais. A região é definida

para um possível ajuste com o muni-

NAL BELVEDERE que diante de tan-

lá atrás, pela gestão anterior, que não

como polo de biomedicina e tecnolo-

cípio para destinação do equipamento.

tas ações judiciais de moradores e do

poderia instalar um memorial nessa

gia e o crematório estaria alinhado a

O empresário, que é do ramo do

Ministério Público, e de movimentos

região, não teria feito nada. Eu aportei

isso, apenas antecipando a instalação

turismo, enfatizou que pretende so-

políticos, ele decidiu deixar o negó-

dinheiro público e contratei emprés-

desse polo. Mas, ao contrário disso, o

lucionar o problema e está aberto a

cio. “O Brasil me fez desistir”, disse

timos junto ao BNDES para instalar

que vemos é uma imaturidade social,

uma proposta, quer seja para a ins-

ele, argumentando que há uma situ-

esse negócio.”

pois não sabem como é feito em paí-

talação de uma clínica especializada

ação extremamente respeitosa a ser

Felipe informa que chegou a

ses desenvolvidos. Tudo não passa de

em tratamentos ou até mesmo uma

esclarecida. Segundo Dias, o empre-

fazer um estudo de impacto de vi-

um tabu, de um fator psicológico. Na

clínica veterinária, ou outra atividade

endimento vinha sendo tratado des-

zinhança e de circulação, conforme

periferia pode-se construir, ali não.

qualquer para o imóvel. Ele informou

de 2014 pela gestão anterior de Nova

solicitação de órgãos ambientais do

Agora, o que mais preciso é um des-

que “com o embargo da obra sem

Lima, como sendo um crematório e

governo, que mostraram que o memo-

fecho para o imóvel”, comentou.

motivo” demitiu 12 funcionários e a

que houve um mal entendido no pre-

rial não impactaria em nada a região.

Com relação ao forno do crema-

construção está inacabada, por isso

enchimento do formulário. E que ele

Ainda de acordo com ele, “a região foi

tório, ele informou que o equipamento

precisa de um destino para não ser

tinha o alvará para construção civil

escolhida ‘a dedo’ para seu empreen-

é o mais moderno do mundo, que foi

deteriorada. “Empreender ali eu não

e que possui dentro da prefeitura di-

dimento, por se tratar de um negócio

comprado um ano antes e que vale hoje

quero mais”, reiterou.


Cidade 11

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Moradores aguardam que juristas apontem o caminho para ações jurídicas contra o imposto Lideranças representativas de vários condomínios prediais e horizontais de Nova Lima estão esperando que o grupo de advogados indique qual a melhor medida para impedir o aumento do imposto na cidade. A primeira sessão legislativa da

lise dos autos.

Câmara Municipal de Nova Lima, rea-

No Residencial Nascentes, o gru-

lizada no último dia 6, após o recesso

po de juristas e advogados voltou a se

parlamentar, foi marcada pela prova-

reunir e divulgou uma nota de escla-

ção da ata de votação do Projeto de

recimento através das redes sociais,

Lei do Aumento IPTU, realizada no

informando que continuam os traba-

último dia 29 de dezembro. Apesar do

lhos sobre as ações a serem tomadas

ambiente de calmaria na Casa, os âni-

sobre a majoração do IPTU e pediram

mos de alguns moradores continuam

cautela novamente aos moradores

acirrados, as incertezas em torno do

em relação a eventuais ações indi-

projeto permanecem e alguns estão

viduais. De acordo com informações

decididos a enfrentar uma batalha

do grupo ao JORNAL BELVEDERE, os

judicial para impedir o aumento do

advogados estão estudando o caso e

imposto. Entre os argumentos, a so-

unificando todas as estratégias para

ciedade que não consegue mais arcar

a ação jurídica. E que uma outra reu-

com a alta carga de tributos e pelo

nião será marcada para depois do dia

fato de que o crescimento imobiliário

20 de fevereiro.

da cidade não ter impactado os ser-

Já o vereador Álvaro Azevedo

viços oferecidos pelo município. Além

(PSDB) informou que está acompa-

disso, o outro fundamento é a manei-

nhando de perto as ações que estão

ra como foi realizada a votação.

sendo desenvolvidas para entrar

A primeira Ação Civil Pública

com o mandado de segurança. Ele

impetrada contra o município nesse

informou que está analisando todo

sentido foi distribuída no dia 16 de

o processo, já tem um advogado

janeiro. No último dia 2 de feverei-

para a ação e que aguarda o perío-

ro, foi proferido despacho da Juíza,

do pós carnaval para entrar com o

declarando impedimento para atuar.

recurso.

Na argumentação, a juíza declarou “impedimento

ou

suspeição”,

O presidente da Associação dos

Simulador do IPTU 2018 está disponível no site da Prefeitura de Nova Lima Contribuinte poderá conferir o valor do imposto e se programar para o pagamento, que começa em abril. Ferramenta está disponível exclusivamente por acesso via computador.

uma

Condomínios Horizontais (ACH), Alo-

vez que analisando os autos e os fa-

ísio Portilho, também diretor do Con-

tos colocados, declarou-se suspei-

domínio Morro do Chapéu, informou

ta para atuar no feito, considerando

que a entidade acompanha de perto

A Prefeitura de Nova Lima dis-

arrecadado poderá ser investido nas

ser proprietária de imóvel objeto de

todos os andamentos desse processo,

ponibilizou, no último dia 7 de feverei-

principais demandas da população. “O

readequação de IPTU e tributação,

e que vai continuar sua luta contra o

ro, um simulador do valor do Imposto

IPTU não tem destinação específica e

e inevitavelmente interessada, deter-

aumento abusivo do IPTU. Ele infor-

sobre a Propriedade Predial e Territo-

pode ser usado para diversas melho-

minando a remessa do processo para

mou que a Associação chegou a se

rial Urbana (IPTU) 2018 para que o

rias, como a realização de obras de in-

o seu substituto legal. O processo foi

reunir com o vereador Álvaro para

cidadão possa conferir e programar o

fraestrutura, manutenção viária, inves-

enviado ao juiz substituto competente

acompanhar o movimento dele e do

pagamento do imposto, cuja quitação

timento em novas escolas e unidades

com a conclusão de despacho e aná-

seu grupo em todas as ações.

deve começar a ser feita a partir do

de saúde, por exemplo”, enfatizou.

Estudando medidas judiciais No Alphaville, a Associação Ge-

decisão valerá para todos os contri-

ral reiterou seu compromisso de man-

buintes do IPTU de NL. Caso não se

ter os moradores, proprietários e co-

obtenha êxito, outras medidas serão

merciantes informados à medida que

tomadas.”

mês de abril. A ferramenta está dis-

O envio das guias está previsto

ponível no site www.novalima.mg.gov.

para a segunda quinzena de março. O

br. O valor indicado no simulador, que

contribuinte poderá optar pelo paga-

está disponível apenas para acesso via

mento à vista ou parcelado, que pode

computador, não apresenta o desconto

ser feito em até nove vezes.

de 10% para o pagamento à vista e não inclui o valor das taxas.

Contribuintes que tiveram dúvidas com relação à guia ou valores po-

os fatos forem evoluindo. E publicou o

Também a Associação dos Mo-

O secretário de Fazenda, Walmir

dem entrar em contato com o Depar-

Braga, enfatizou que o pagamento do

tamento de Cadastro Imobiliário pelos

seguinte comunicado em seu site: “A

radores do Vila da Serra continua

imposto é importante para o desenvol-

telefones (31) 3541-4340 ou (31) 3541-

Associação Geral, dentro de seu ob-

com suas ações de protesto contra a

vimento da cidade e que o montante

4346.

jetivo de conter o aumento do IPTU,

votação do IPTU. A última ação re-

procurou o grupo de advogados que

alizada até o fechamento dessa edi-

está estudando medidas judiciais a

ção foi uma panfletagem de material

serem tomadas para impugnar a ma-

gráfico contendo os nomes e fotos de

joração do Imposto e fomos informa-

vereadores que votaram a favor do

dos que está sendo preparada uma

aumento do imposto. A ação aconte-

ADIn (Ação Direta de Inconstitucio-

ceu no Centro e em outros dois bair-

nalidade), a ser proposta provavel-

ros onde se encontra a base eleitoral

mente via OAB. Ela é o instrumento

desses vereadores.

jurídico adequado para se questionar

Enquanto isso, os moradores es-

a constitucionalidade da Lei aprova-

peram que as suas lideranças apon-

da pela câmara em dez/2017 e uma

tem o melhor caminho para ações

vez obtida liminar no seu âmbito, a

judiciais.


12

Esporte

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Defender, clube de tiros do Vila da Serra, realiza curso de defesa pessoal O primeiro Clube de Tiro Defensivo e Caça, localizado no Vila da Serra, realiza no próximo dia 24, um sábado, o curso de defesa pessoal, Nível I, que visa passar ensinamentos para situações de defesa com o emprego de lâminas (facas, punhal e canivete) e defesa de ataques de agressores com lâminas. O curso será ministrado pelo instrutor de defesa pessoal e tiro, Daniel Carvalho (Jarrão), que ministra treinamento para agentes de segurança pública e cidadãos civis. Daniel é faixa preta de jiu-jítsu (Dracolino Team), Praget vermelho de Muay Thai (Olympio´s Gim) e instrutor de Pekiti Tirsia (PTTA). No curso, o aluno aprenderá os tipos de lâminas (anatomia), técnicas de combate, tipos de golpes com lâminas, movimentação, base, postura e tipos de empunhadura. Esse é o primeiro curso do gênero realizado no Vila da Serra. O Defender é um centro de treinamento de tiro defensivo, de defesa pessoal, de técnicas de defesa urbana e legislação sobre o tema. “Com a crescente onda de violência, é importante saber se comportar diante de uma situação de ameaça e, por isso, esse tipo de treinamento é recomendável principalmente para mulheres”, explica Sérgio Bittencourt, proprietário do Defender.

Modalidades: Além de tiro esportivo, o Defender oferece cursos de efesa pessoal

Mulheres Inaugurado em agosto do ano passado, pelo empresário e morador do Vila da Serra, Sérgio Bittencourt, o Defender é primeiro Clube de Tiro Desportivo indoor de Nova Lima. No Clube, os instrutores acompanham os alunos e visitantes, e são responsáveis por ensiná-los e manter a segurança na linha de tiro. “Nenhum aluno é deixado sozinho, existe um acompanhamento durante toda a aula”, informou Sérgio.

Ainda segundo Bittencourt, não existe motivos para uma pessoa não frequentar um clube de tiro. “É uma atividade esportiva, que a cada dia vem ganhando mais adeptos, principalmente, do público feminino. E ninguém precisa por ter porte de arma nem registro da mesma para frequentar o clube. A empresa e os instrutores disponibilizam suas armas para utilização nos cursos de tiro e testes de capacidade técnica”, explicou. Tanto o curso de tiro quanto o

curso de defesa com lâminas, a idade mínima dos praticantes é de 18 anos e essas atividades ocorrem em estrita observância às normas do Exército Brasileiro e da Polícia Federal. Em nenhuma hipótese é permitida a matrícula de pessoas que tenham antecedentes criminais ou que estejam respondendo a inquéritos policiais. Para saber mais informações entre em contato através do telefone: (31) 3097-0100 ou contato@defender. esp.br

Agora, também no Belvedere, um SPA para seus cabelos. É o SPA CAPELLI, um ambiente confortável e elegante, que preza pela sua saúde capilar. Após a análise completa da saúde do seu cabelo e couro cabeludo, indicamos o tratamento correto para que ele fique belo e saudável novamente. TRATAMENTOS PARA DOENÇAS DO COURO CABELUDO E QUEDA • Tratamento de queda • Alopecias • Oleosidade excessiva • Fios quebradiços

. s o A l e P b S a c m s u u m Se e c e r e m

• Cabelos finos, sem volume, ressecados e sem vida, entre outros serviços SPA DOS CABELOS E EMBELEZAMENTO • Corte bordado • Corte terapêutico • Massagem • Argiloterapia • Rehab Therapy • Detox Therapy, entre outros serviços

AGENDE SUA AVALIAÇÃO GRATUITA.

Utilizamos produtos:

Diamond Mall / Cia Atlética: 3295.7629 Belvedere: 3264.1713 clinicabenvivere.com.br/spa-capelli


Educação 13

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Os novos (e tecnológicos) contornos da aprendizagem Alinhada a conceitos pedagógicos incorporados ao ensino básico nos EUA e na Europa, disciplina de programação é oferecida pela Fundação Torino a partir da Scuola Materna. © Foto: Divulgação/cedida Fundação Torino

Vista como uma nova alfabetização e uma mudança de paradigma no sistema educacional, o ensino da programação é defendido por especialistas no mundo todo e já integra a grade curricular em escolas de diversos países. A Fundação Torino Escola Internacional, que segue as melhores práticas educacionais adotadas mundialmente, oferece, desde 2016, a disciplina de programação dentro de sua estrutura curricular. O curso é oferecido a partir da Scuola Materna (para crianças com cinco anos de idade) até a Scuola Media (para adolescentes até 14 anos), seguindo a linha defendida por ícones como Steve Jobs, fundador da Apple, e Susan Wojcicki, presidente do Youtube, que consideram o aprendizado de programação “uma forma de aprender a pensar” que “faz a criança se sentir empoderada, criativa e confiante”. Além de desenvolver as habilidades de raciocínio, as aulas ajudam no conhecimento da matemática e na familiarização com o inglês. As aulas oferecidas pela Fundação Torino têm como objetivo encantar as crianças e jovens, preparando-os para um futuro em que não saber programar será como não saber ler. “Acreditamos na programação como uma nova forma de expressão, de comunicação desta geração. Programar faz parte de um roteiro de incentivo ao protagonismo de nossos alunos. O digital empoderou o indivíduo. Hoje, mais do que espectadores, os jovens são autores de sua expressão nas mil e uma plataformas digitais disponíveis. Eles estão protagonizando uma era de evolução exponencial das capacidades tecnológicas, em que a interação homem-máquina será cada vez

estudo do latim, conforme escolha de curso, já que a Fundação Torino coloca à disposição de seus alunos duas opções: Liceo Scientifico e Liceo Scienze Umane. O modelo escolar europeu, com ênfase científica, cultural e humanística, garante ao aluno uma diplomação internacional.

Aberta à comunidade Scuola Materna: Os alunos Rafael Freire Nunes, Giovanni Carvalho Loschi, Bernardo Guido Santos, Otto Faria Bernardes e Felipe Rodrigues Alves durante aula de Programação na Fundação Torino.Pardini maior. E esses jovens precisam se conscientizar de seu papel como programadores. Cabe à escola promover esta capacitação, fomentando a importância de autoria, de criação, enfim, da exploração das potencialidades de nossos alunos”, explica a diretora-geral da Fundação Torino, Márcia Naves. Os estudantes, orientados pelos professores, já desenvolveram diversos projetos interdisciplinares, como, por exemplo, um aplicativo sobre um museu de arte e uma calculadora de área e perímetro. As aulas são aplicadas a partir de tutoriais previamente criados e que permitem aos aprendizes continuarem desenvolvendo o trabalho fora da sala de aula”, explica Ana Márcia, professora de Programação da Fundação Torino. Atualmente os alunos já desenvolvem seus projetos de forma autônoma, utilizando plataformas extremamente con-

temporâneas como “Scratch”, desenvolvida pelo renomado MIT, e “coding.org”, apoiado por grandes empresas como o Google, Facebook, Microsoft e Twitter. Já existem alguns exemplos práticos de trabalhos realizados pelos alunos: o 6º ano criou, na aula de geografia, um programa para estudar as regiões de países europeus; o 7º ano, durante as aulas de português, desenvolveu aplicativos que auxiliam no uso da gramática.

Idiomas Ainda pensando nas linguagens abordadas pela Escola, a alfabetização das crianças da Fundação Torino acontece em português e italiano. A língua inglesa faz parte do currículo desde a educação infantil (2anos), já o espanhol é introduzido a partir do sexto ano. No ensino médio, há possibilidade do

De acordo com a diretora da Escola, Márcia Naves, “para uma efetiva formação cultural e humanística é preciso que haja momentos e atividades que ultrapassem os limites da sala de aula e envolvam também a comunidade”. Por isso, há dois anos, a Escola inaugurou seu Centro Cultural. O espaço é aberto a toda a comunidade e abriga a Biblioteca Dante Alighieri, com títulos em vários idiomas; uma livraria e papelaria; um auditório com programação variada de palestras e bate-papos com escritores; um bistrô, que celebra a boa cozinha artesanal e, ainda, uma moderna galeria dedicada a exposições de arte. Toda a programação do Centro Cultural da Fundação Torino é gratuita. Atuando ainda como Centro de Línguas em três pontos da cidade Belvedere, Prado e Praça da Liberdade, nas dependências da Casa Fiat de Cultura, a instituição é referência no ensino de italiano. Recentemente, por meio de uma parceria com a Oxford University, ampliou sua oferta e passou a oferecer aulas de inglês para a comunidade.


14

Veículos

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Nos arquivos da italiana Ducati Quem curte motocicleta e pretende viajar para a Itália, reserve então um dia para uma visita ao museu da Ducati, que fica dentro da fábrica, na cidade de Bologna, na região nordeste da Itália. Lá, o visitante fará uma viagem ao passado e futuro de uma marca que completou noventa anos em 2016 com uma história fascinante. © Fotos: Ducati/Divulgação

Eduardo Aquino / eduardo.aloisio@yahoo. com.br

A Ducati não surgiu como uma fábrica de motocicletas. Em 4 de julho de 1926, os irmãos Adriano, Bruno e Marcelo Cavalieri Ducati criaram a empresa “Societa’ Scientifica Radio Brevetti Ducati”, que tinha por objetivo principal produzir componentes para as transmissões de rádio. A empresa cresceu rapidamente, ganhando respeito internacional e, nove anos depois, já tinha filiais em Londres, Paris, Nova

História: Localizado dentro da fábrica, na cidade de Bolonha, o museu mostra a evolução da Ducati

York, Sidney e Caracas. As fábricas da Ducati foram des-

cializadas.

truídas na Segunda Guerra Mundial.

Assim como o museu, os visi-

Após o conflito, a empresa decidiu

tantes também poderão conhecer a

investir em um produto que tinha as

fábrica da Ducati, que fica no mesmo

características que um mercado pós-

local. A empresa criou um centro para

-guerra queria: a Cucciolo, que foi a pri-

atender os visitantes, com lanchonete,

meira motocicleta da marca, com mo-

banheiros e uma loja com diversos ar-

tor de quatro tempos e câmbio de duas

tigos da marca, que está para as mo-

marchas, que tinha velocidade máxima

tos assim como a Ferrari está para os

de 50km/h e percorria 100 quilôme-

carros. Desde 2012, a Ducati juntou-se

tros com apenas um litro de gasolina.

ao Grupo Audi AG e, em 2017, vendeu

O modelo se tornou rapidamente um

55.871 motocicletas em todo o mun-

sucesso de vendas.

do. No Brasil, a marca tem concessio-

Na visita ao museu, o visitante

nários em São Paulo (SP), Campinas

poderá ver não apenas esse primeiro modelo da Ducati, mas como a Cruiser

(SP), Curitiba (PR), Brasília (DF) e Belo Cucciolo: O primeiro modelo fazia 100 quilômetros com um litro de gasolina

175 (1956), que tinha ignição elétrica

Horizonte (MG) e alcançou 3,85% de market share em 2017.

e transmissão automática; a Marianna

da Ducati; e diversos modelos que fi-

de corrida, como a 750 que venceu as

98 (1954), criada pelo famoso enge-

caram marcados pela velocidade má-

200 milhas de Imola, em 1969; a Super

nheiro Fábio Taglioni, que foi a primei-

xima que alcançavam na época, como

Sport 900, que faturou a “Isle of Man

ra motocicleta de corrida da marca; a

Mach 250 (150km/h), a 450 Mark 3D

Tourist Trophy”, em 1978, com o pilo-

125 Trialbero Desmo (1956), que usava

(170km/h).

to Mike Hailwood, e que deu origem à

o comando de válvulas desmodrômico,

O museu também exibe mode-

edição limitada 900 SS Mike Hailwood

que ficou como uma marca registrada

los que conquistaram fama nas pistas

Replica; e o modelo que papou o título de marcas e pilotos do Campeonato Mundial de Moto GP de 2007, com Casey Stoner. Na vitrine do passado da Ducati, também está o icônico 916, de 1994, que ganhou diversos títulos de melhor moto do ano por revistas espe-

Serviço – Museu Ducati Via Antonio Cavalieri Ducati, 3, 40132 Borgo Panigale, Bologna BO, Itália. Horário – De 9h às 18h, às segundas, terças, quintas, sextas e sábado, ficando fechado nas quartas e domingos. Telefone – +39 051 641 3343 Ingressos – Não é necessário fazer reserva e os preços dos ingressos (com direito à visitas ao museu e à fábrica) são: 15 euros por pessoa; e 13 euros por pessoa em caso de reservas para grupos com mais de 10 pessoas, As visitas, que duram cerca de uma hora, são feitas por guias, em grupos de até 10 pessoas.

Fábrica: O visitante também pode conhecer a linha de montagem da Ducati


Negócios 15

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

© Foto: Divulgação/cedida Backer

© Foto: Divulgação/cedida Verace

Negócios Homero Dolabella / homerodolabella@gmail.com

Churrasco no shopping Verace: Cervejaria fica no Jardim Canadá

Sabe aquele churrasco feito com carnes nobres e que possui um sabor realmente diferenciado? Pois, a partir de abril, uma nova opção para saboreá-lo vai aportar no BH Shopping a atende pelo nome de Mania de Churrasco! Prime Steak House. A casa vai inaugurar suas operações em solo mineiro. Com forte atuação em São Paulo, a Prime Steak Hoouse é conhecida pelos cortes de gado da raça Aberdeen Angus. O menu traz itens como Picanha Nobre, Bife Ancho Black, Chorizo, Cowboy e Short-Rib. A unidade do BH Shopping tem em seu comando os franqueados Carmem Mayrink, Renato Mayrink e Carlos Eduardo Melo. “Estamos otimistas com a abertura da franquia. A marca é sólida, a equipe da franqueadora já mostrou o nível de gestão e organização que imprimem ao trabalho e os produtos são incríveis”, avaliam.

Backer: Cervejaria é vizinha do Belvedere

Visitação às fábricas de cerveja Que Nova Lima é conhecida pela produção de cervejas artesanais, a maioria das pessoas já tem conhecimento. O que muitos não sabem é que algumas fábricas promovem um tour guiado para que as pessoas possam conhecer seu processo de fabricação e provar seus rótulos direto do tanque. A Krug Bier, por exemplo, abre suas portas aos sábados. São dois turnos de duas horas cada: 10h às 12h e 12h às 14h. O mestre cervejeiro Alfredo Oliveira acompanha grupos de até 20 pessoas. A fábrica da Krug fica no Jardim Canadá, a taxa é de R$ 60,00 e o agendamento pode ser feito pelo telefone 3507-0777. A premiada Verace é outra cervejaria do Jardim Canadá que promove a visitação aos sábados. A diferença é que o tour acontece sempre no dia da Feira Experimente (segundo sábado do mês). Os grupos

© Foto: Divulgação/ Tadeu Brunelli/cedida Prime Steak House

são de até 25 pessoas, a partir das 10h, valor de R$ 45,00 e agendamento pelo 3541-6103.

Visitação II Em Belo Horizonte também existem as cervejarias com projeto idêntico. Uma delas, talvez a mais famosa, fica no bairro Olhos D’água, a 10 minutos do Vila da Serra e Belvedere. Trata-se da Backer. O tour leva 1h30 e inclui a degustação de cinco rótulos e um sexto que esteja sendo preparado naquele momento. Os participantes também recebem um certificado e um brinde da casa. As visitas são aos sábados, às 10h e às 11h e, caso haja demanda, mais um horário pode ser aberto às 12h. Os grupos são de 20 pessoas, valor de R$ 40,00 e agendamento pelo telefone 3228-8888.

Depilação a laser no Vila

Prime Steak: Bife Ancho com saladinha, arroz e fritas

Lo ft

O Edifício Atlanta, no Vila da Serra, tem sido o

ços da marca nos principais shoppings de BH. “Nosso

endereço de diversas novas operações na região. No

maior diferencial é a depilação a laser realizada com

mês de março será a vez da Espaço Laser, franquia

a máquina Alexandrite. Ela possui um sistema de res-

que tem como uma das sócias a ex-apresentadora

friamento que ameniza a dor”, ressalta Marina. A Es-

Xuxa Meneguel. A loja do Vila da Serra é da franquea-

paço Laser vai funcionar no piso mezanino, loja 26, no

da Marina Ispósito que já possui outros cinco endere-

Atlanta.

empresarial

serena mall

No lugar certo,

seu négocio

dá certo.

INSTITUTO DE BELEZA INSTITUTO DE BELEZA INSTITUTO DE BELEZA INSTITUTO DE BELEZA

INSTITUTO DE BELEZA

INSTITUTO DE BELEZA

projetos especiais projetos especiais projetos INSTITUTO DE BELEZA especiais INSTITUTO DE BELEZA

projetos especiais

ARTES MARCIAIS

Estrutura moderna com vista exclusiva!

ARTES MARCIAIS

INSTITUTO DE BELEZA ARTES MARCIAIS

Salas de Reunião Amplo estacionamento Elevador de acesso

projetos especiais

INSTITUTO DE BELEZA

ARTES MARCIAIS

projetos especiais

projetos especiais

ARTES MARCIAIS

INSTITUTO DE BELEZA INSTITUTO DE BELEZA

projetos especiais INSTITUTO DE BELEZA

ARTES MARCIAIS

projetos especiais

M G 0 3 0 , 8 6 2 5 - N O VA L I M A VA L E D O S E R E N O

INSTITUTO DE BELEZA

ARTES MARCIAIS

3 1 3 5 4 7. 8 5 0 4

projetos especiais

SERENAMALL.COM.BR

projetos especiais

projetos especiais

INSTITUTO DE BELEZA ARTES MARCIAIS ARTES MARCIAIS

projetos especiais

ARTES MARCIAIS

ARTES MARCIAIS

projetos especiais

INSTITUTO DE BELEZA


16

Turismo

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Siracusa, por onde passa a civilização ocidental Cidade na Sicília, é um lugar para quem tem olhar sensível para a história. Na verdade, um tesouro e um museu arqueológico único. Paulo Queiroga / pqueiroga@terra.com.br

Para aproveitar melhor a estada em Siracusa, o viajante deve, antes, fazer uma boa pesquisa sobre a história do lugar. Aliás, este é um bom hábito, dos bons viajantes, que enriquece a viagem em qualquer destino. Se não, verá apenas uma quantidade de ruínas e vai se tirando fotos e “selfs” aleatórios, sem saber exatamente do que se trata aquela ou outra cena fotografada. Siracusa, na Sicília, é um lugar para quem tem olhar sensível para a história. Um tesouro e um museu arqueológico único. Estar lá é como admirar, em um só lugar, a formação da nossa civilização numa imensa tela de cinema.

História: Parque Arqueológico Neapolis, com seu maravilhoso Teatro Grego

Eternizadora de homens Construída sobre um antigo as-

Viva essa EXPERIÊNCIA em um dos lugares mais INCRÍVEIS DO MUNDO!

GRAND AMAZON 50% para ACOMPANHANTE em acomodação dupla* DATAS PREVISTAS PARA 2018 FEVEREIRO 02 A 08 / 16 A 25 DE MARÇO 02 A 11 / 19 A 25

ABRIL: 02 A 26 MAIO: 04 A 20 JUNHO: 01 A 24 JULHO: 06 A 31

AGOSTO: 01 A 26 SETEMBRO: 03 A 23 OUTUBRO: 01 A 11 DEZEMBRO: 24 A 27

3567-8882

Alameda Oscar Niemeyer 1369 | Nova Lima

@ibizaturismo

Ibiza Turismo

Consulte o regulamento completo nas lojas.; Válidos por pessoa em acomodação dupla e estão à disponibilidade e reajuste sem aviso prévio. Válido para datas informadas; Imagens ilustrativas; Imagens ilustrativas/reprodução internet.

IBEROSTAR

sentamento fundado pelos Coríntios, em 734 aC. Siracusa tornou-se a polis grega mais poderosa na Sicília. Em torno do ano 480 aC, a cidade rivalizava com Atenas, tanto econômica como politicamente, como a mais importante do mundo na antiguidade. Terra natal de homens que se eternizaram, como o matemático, físico, engenheiro, astrônomo e inventor, Arquimedes; também nasceu ali o pai da tragédia grega, Ésquilo; e lá trabalhou o poeta, Píndaro, autor da famosa frase “Homem, torna-te no que és”. Tamanha é sua importância, que Platão, em 498 aC, enxergava Siracusa como o cenário da sua utópica “A República.” A cidade, aberta para o mundo, teve também um papel importante na propagação do judaísmo e do cristianismo no Mediterrâneo e, depois, por toda Europa. O apóstolo Paulo visitou Siracusa, em 59 dC e, provavelmente, pregou na Giudecca, o bairro judeu, onde está a igreja medieval de S. João Baptista. O Templo de Apollo (ou Artemis), que, depois, se converteu em uma igreja cristã é, provavelmente, o templo grego mais antigo na Sicília. Construído no século V aC, na Piazza Duomo, é um dos poucos exemplos sobreviventes na antiga Magna Graecia. Um anfiteatro grego, literalmente esculpido na rocha, e também um romano, compõem o cenário. O teatro grego é semicircular e aberto; enquanto o romano é oval e fechado. No parque arqueológico, o Altar de Geron II e a “Orelha de Dionísio”, o que, provavelmente, era uma pedreira de calcário, são as surpresas. A herança medieval nesta velha cidade também não pode ser esquecida. O antigo bairro residencial, do outro lado da ponte Nuovo é a ilha de Ortigia, centro da civilização grega, bizantina e

judaica. Um labirinto medieval cercado de magia. As arquiteturas grega e romana são onipresentes em Ortigia. O Palazzo Montalto, perto da Piazza Archimede, foi construído em 1397 no estilo chamado “Chiaramonte Gothic”. Siracusa é assim. Destino para viajantes sensíveis e universais. O Palácio Bellomo, na Via Capodieci abriga a Galeria de Arte. A coleção inclui a “Assunção” de Antonello da Messina e outras obras de arte universais.

Para visitantes Exceto para incursões no grande sítio arqueológico e no Museu Orsi na cidade “moderna”, você provavelmente vai querer passar seu tempo em Ortigia. Com suas ruas estreitas e tráfego restrito, esta ilha faz com que passear a pé uma alegria. Tanto quanto amamos Taormina, os cognoscenti consideram a Ortigia menos atrativa como uma alternativa agradável. A ilha está cheia de bons hotéis. Um favorito para intelectuais e abutres culturais em busca de uma atmosfera genuína é Alla Giudecca na Via Alagona acima do mikvehhipogeum. Sim, há praias nas proximidades, e não há falta de bons restaurantes em Ortygia, mas sugerimos que evite aqueles que oferecem “menus turísticos” em favor das encantadoras trattorias, pizzarias e restaurantes de frutos do mar nas ruas estreitas, longe das maiores praças. As especialidades de frutos do mar são sazonais até certo ponto. As massas com mexilhões e ouriços são especialmente saborosas, mas mais disponíveis na primavera e no outono do que no verão. Veja a página do restaurante para algumas sugestões. O Festival Saint Lucy é realizado nos dias 12 e 13 de dezembro.


Gastronomia 17

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

A culinária da França e Espanha no La Dolma Restaurante, localizado na MG-030, próximo à Mata do Jambreiro, traz a cozinha contemporânea com traços de francesa e espanhola a um público que aprecia o sabor especial. Liderado pelos chefs Fábio Pontes e Ramon Miranda, o La Dolma foi inaugurado no ano passado com o propósito de trazer para a região de Nova Lima, a cozinha contemporânea com traços de francesa e espanhola e um sabor especial, além de muita originalidade aos pratos. Fábio Pontes tem 23 anos de experiência na cozinha de restaurantes e no La Dolma estreia como sócio. Ramon Miranda sempre foi apaixonado com a cozinha e com a culinária espanhola, sua terra natal. Os dois são da mesma família e já haviam cozinhado juntos por lazer e foi de Ramon Miranda a ideia de trazer o Fábio para ser dono de um restaurante. No ambiente do La Dolma, predominam os tons de vermelho. Móveis e decoração seguem um estilo rústico e moderno ao mesmo tempo. A cozinha aberta facilita o contato dos chefs com os clientes. A casa oferece nove pratos para o almoço executivo e 15 pratos especiais do dia, para almoços de terça à sexta-feira, além das opções para os jantares e finais de semana, entre entradas e saladas, sopas e cremes, carnes e aves, risotos e massas, peixes e crustáceos e sobremesas. Ramon é quem prepara, por exemplo, as entradas como Pulpo à gallega, Empanadilla de zorza e Tortilla. Todas as nove opções são precedidas de salada Há também os pratos sem carne, como a Moussaka vegetariana (lasanha de berinjela gratinada ao estilo grego) e o Tabule de quinoa real com legumes. Os pratos especiais do dia têm ingredientes e preparo mais elaborados. São três ou quatro opções por dia e também são precedidos de salada. Na parte do empório, ns prateleiras o cliente vai encontrar uma varie-

© Foto: divulgação/Paulo Cunha/cedida LaDolma

Destaque: Coração de filé com fonduta de queijo Brie e risoto de morango dade de produtos artesanais, gourmet, nacionais e importados, além de diversos temperos. São produtos pensados

Sobremesa: Mousse de chocolate com vinho Pinot Noir e chantilly

para um público que aprecia produtos diferenciados. Mais informações: La Dolma Restau-

rante Empório – Rodovia MG-030, 575 Vila Industrial - Nova Lima/MG - Fone: (31) 3097-1303 (31) 98438 9882

Vert assume administração de hotel no Alphaville Lagoa dos Ingleses Com a denominação de eSuites, nova administração quer aproveitar a localização às margens da Lagoa e ponto estratégico para visitar as cidades históricas. Desde o início deste ano, a rede mineira Vert Hotéis, assumiu a administração do Hotel no Alphaville Lagoas dos Ingleses, que ao ser inaugurado contava com a bandeira Mercure. Agora, o hotel recebeu a denominação de eSuites Lagoa dos Ingleses. Este é o primeiro empreendimento da empresa comandada pela empresária Érica Drumond, em Nova Lima. Com 7 anos de atuação com foco na hotelaria essencial, a Vert Hotéis conta com 20 empreendimentos em 13 destinos brasileiros. “As expectativas em relação a esse empreendimento são muito positivas, pois trata-se do primeiro hotel de marca própria da

rede em Nova Lima. Estamos implantando padrões consistentes que geram experiências únicas e especiais para os clientes. Nossa busca pelo diferencial e pela excelência nos serviços tornou-se parte integral da existência da empresa” declarou a CEO da Vert Hotéis, Érica Drumond no site da Associação Geral Alphaville Lagoa dos Ingleses aos se apresentar para os moradores e empresários da região. O eSuites Lagos dos Ingleses quer explorar a localização nas margens da Lagoa dos Ingleses, num complexo que concentra condomínios residenciais e comércios, em um ponto estratégico para visitar as cidades históricas. O hotel possui 123

apartamentos, restaurante, room service, salas de eventos, piscina, academia, quadra de tênis, além de outros serviços. A administração pretende realizar uma série de atrações e serviços para os hospedes e convida os moradores dos condomínios a participarem. Um dos atrativos é o café da manhã para “Passantes” no restaurante que é aberto ao público. A ideia é servir um buffet mineiro ao preço de R$ 36,00, de segunda a sextas-feiras, das 6h às 10h e aos sábados, domingos e feriados, das 6h às 11h. Outra programação será a “Noite Romântica, com momentos inesquecíveis em uma suíte superluxo preparada especialmente para essa ocasião”.


18

Formação Humana

editorial

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Inscrições abertas para o V Seminário IDE © Fotos: divulgação/cedidas NSRainha

A Paróquia Nossa Senhora Rainha

Pe. Alexandre Fernandes/ Pároco

realiza no dia 3 de março, sábado, das 8h30 às 17h00, no Salão Paroquial Pedro, a 5ª edição do Seminário IDE. O evento é uma iniciativa do grupo de Células Pa-

Filhos e filhas Irmãos e irmãs, graça e paz! Deus é cheio de amor, de bondade e de ternura. Ele convida todos os homens e todas as mulheres a integrar a comunidade dos filhos amados. Não exclui ninguém, nem aceita que, em seu nome, se inventem sistemas de discriminação ou de marginalização dos irmãos. Certamente, em Jesus, Deus desce ao encontro dos seus filhos vítimas da rejeição e da exclusão, compadece-se da sua miséria, estende-lhes a mão com amor, liberta-os dos seus sofrimentos, convida-os a integrar a comunidade do “Reino”. Deus não pactua com a discriminação e denuncia como contrários aos seus projetos todas as formas de opressão dos irmãos. Às vezes há pessoas (quase sempre bem-intencionadas) que inventam mecanismos de exclusão, de segregação, de sofrimento, em nome de um Deus severo, intolerante, distante, incapaz de compreender os limites e as fragilidades do homem. Trata-se de um atentado contra Deus. O Deus que somos convidados a descobrir, a amar, a testemunhar no mundo, é o Deus de Jesus Cristo – isto é, esse Deus que vem ao encontro de cada homem, que se compadece do seu sofrimento, que lhe estende a mão com ternura, que o purifica, que lhe oferece uma nova vida e que o integra na comunidade do “Reino” (nessa família onde todos têm lugar e onde todos são filhos amados de Deus). Em tempo, quero ressaltar que estão abertas as inscrições para a 5ª edição do Seminário IDE – evento aberto a todos, mas voltado, principalmente, para os membros das Células Paroquiais de Evangelização de nossa comunidade. Na atual crise de fé que estamos vivendo, é necessária uma nova forma de evangelizar, com mais dinamismo, com uma linguagem mais atual, contudo, transmitindo o mesmo conteúdo de fé de sempre: aquele que recebemos dos Apóstolos. Movidos pelo Espírito Santo, realizamos esse evento de evangelização que é uma resposta positiva da Paróquia Nossa Senhora Rainha a esta necessidade de uma nova maneira de transmitir a Palavra de Deus e o ensinamento da Igreja. O evento será no dia 3 de março. Programe-se e venha viver este encontro com a gente. Que a benção de Deus e a ternura de Nossa Senhora desça copiosamente sobre nossos lares e corações. Recebam meu afetuoso abraço!

roquiais de Evangelização da NSRainha e contará com palestras, louvor, pregações, partilhas e sessões de perguntas e respostas. Embora seja voltado para membros e líderes de todas as células da paróquia, incluindo casais, homens, mulheres, jovens e Master, o IDE é aberto à participação de todos. As inscrições custam R$20,00 e podem ser feitas durante a semana na secretaria paroquial ou no SAC (Serviço de Apoio ao Cristão), após as missas de sábado e domingo. Erica Britto, coordenadora das Células Paroquiais, ressalta que o V Seminário

Evangelização: O Seminário IDE de 2017 teve a presença do evangelizador José Prado Flores nadora ainda destaca que participar do IDE

zação de Santo André (EESA Brasil). O

é “uma oportunidade de vivenciar as célu-

Ano do Laicato será celebrado pela Igreja

las em comunhão e em comunidade”.

até o dia 25 de novembro de 2018, com o

terá como tema central o “Ano do Laicato”,

Em 2017, o IDE reuniu cerca de 400

lema: “Sal da Terra e Luz do Mundo”, Mt

com reflexões sobre o papel e a missão dos

pessoas na paróquia e contou com a pre-

5,13-14. Esse ano remete aos 30 anos do

leigos e leigas na igreja e na sociedade. “As

sença especial do grande evangelizador

Sínodo Ordinário sobre os leigos (1987)

células têm muito a ver com a proposta

José Prado Flores, criador e fundador da

e os 30 anos da publicação da Exortação

do Ano do Laicato, uma vez que a mesma

Escola de Evangelização Santo André,

Apostólica Christifideles Laici, de João

atende ao pedido de Papa Francisco de ser

além da participação de Ângela Chineze,

Paulo II, sobre a Vocação e Missão dos

uma “Igreja em Saída””, afirmou. A coorde-

diretora nacional da Escola de Evangeli-

Leigos na Igreja e no mundo (1988).

NSRAINHA EM AÇÃO

Grupo de Oração com Dra. Filó “Jesus é a mão de Deus a caminhar conosco” Depois das férias de final e início

trecho coloca para nós uma atitude, um

de ano, o Grupo de Oração com a Dra.

gesto de Jesus. “Além das Palavras de

Filó retornou no dia 6 de fevereiro. A pro-

Jesus, devemos também prestar atenção

gramação teve início às 19h15, com uma

aos seus gestos. E as mãos de Jesus nos

missa (esse é um dos novos horários de

falam muito, pois Ele as usava muito, to-

missa da Paróquia Nossa Senhora Rainha

cando seus discípulos e as pessoas para

que começou a vigorar a partir de feve-

dar força, coragem, para restaurar, para

reiro) presidida pelo Pe. Ricardo Barbosa

curar”. Ela ressaltou que a mão de Jesus

Corrêa, da Paróquia Nossa Senhora do

é sempre essa mão que nos coloca de pé,

Morro, no Aglomerado Santa Lúcia. Em

é sempre a mão de Deus a caminhar co-

seguida, os fiéis rezaram a Oração do

nosco. “Ele é a grande mão, é a mão que

Terço Mariano e, depois, participaram da

está sobre a nossa mão, que nos sustenta,

ram a igreja. Para o paroquiano Leonardo

pregação da pediatra Dra. Filó. O louvor

nos protege e nos guarda”.

Azevedo, que participa sempre, a Dra. Filó

Dra. Filó: “Além das Palavras de Jesus, devemos também prestar atenção aos seus gestos...”

foi conduzido pelas cantoras Ana Paula

A Dra. Filó disse que essa é a gran-

estava fazendo muita falta. “As prega-

e Pat Rosa, acompanhadas por Marcelo

de experiência que nós, cristãos, preci-

ções me fazem muito bem, pois ela é uma

(violão), Roberto (baixo) e Nico (teclados).

samos fazer na nossa vida até chegar à

pessoa ungida, muito abençoada, que tem

Com a igreja lotada, a pediatra ini-

Casa do Pai, entendendo que Jesus é a

um acesso diferenciado a Deus, e suas

ciou sua pregação citando o Evangelho

mão de Deus estendida a nos sustentar,

palavras ajudam a fortalecer a minha fé”.

de Marcos 1, 29-39, lembrando que esse

a nos levantar. “Com esses gestos de Je-

A volta também trouxe novos participan-

sus, nós aprendemos que onde Ele está,

tes, como a família de Alexandre Sartori

está a vida, pois Ele é o Deus da vida, que

(pai), Flávia Araújo (mãe) e o pequeno

quer nos ver felizes”. A médica lembrou

Lucca (filho), de um ano e meio. “Ouvimos

que muitas vezes, quando passamos por

falar muito bem desse Grupo e estamos

momentos ruins, de doença, de perda,

felizes de estar aqui para participar deste

pensamos que estamos sendo castigados

momento de oração e colocar Jesus mais

por esse ou aquele pecado. “Mas o nosso

próximo da nossa vida”.

Novos participantes: Alexandre Sartori, Flávia Araújo e o pequeno Lucca

Deus é o Deus da vida, que nos ajuda a

Além de lotar a Igreja Nossa Senho-

passar sim pelo sofrimento, por tudo que

ra Rainha todas as terças, com cerca de

vem, porque a mão d’Ele é a mão que nos

1.000 pessoas, o Grupo de Oração tam-

sustenta, que nos guia”.

bém é transmitido ao vivo pelo canal da

A volta do Grupo de Oração com a Dra. Filó trouxe muitos fiéis, que lota-

Paróquia Nossa Senhora Rainha Rua Modesto Carvalho Araujo, 227, Belvedere - Belo Horizonte – MG. Cep: 30320-410. Tel: (31) 3286-3034. www.nsrainha.com • nsrainha@nsrainha.com Atendimento Paroquial • De segunda a quinta-feira de 9h às 18h30 • Sexta-feira de 9h às 18h • Sábado de 9h às 12h

NSRainha TV, no Youtube (www.youtube. com/nsrainhatv).

Celebrações Eucarísticas • NOSSA SENHORA RAINHA: Terça e Quarta-feira: 07h | Quinta-feira: 19h | Sexta-feira: 15h | Sábado: 17h | Domingo: 08h30, 10h30, 12h, 17h45, 19h30 • HOSPITAL BIOCOR: Quarta-feira: 15h | Sábado: 10h • COMUNIDADE BOM JESUS DO VALE: Domingo: 10h


Saúde 19

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Febre amarela: macacos não transmitem a doença Os animais não transmitem o vírus. Eles são vítimas. E, ao serem contaminados, fazem o papel de “sentinela”, alertando para o surgimento da doença. O vilão é o mosquito transmissor. Especialistas estão preocupados com pessoas espancando, envenenando e até matando os primatas. Com o atual surto de febre amarela no Brasil, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) busca esclarecer o papel dos macacos no ciclo da doença, que, assim como os humanos, são apenas vítimas do vírus. A doença que é caracterizada como infecciosa aguda, não contagiosa, febril e de natureza viral, se mantém nas regiões tropicais da América do Sul e Central e da África. No Brasil, tem caráter sazonal, ocorrendo mais frequentemente entre os meses de dezembro a maio, quando fatores ambientais (como o aumento de chuvas e de temperatura) propiciam o aumento da densidade dos vetores (mosquitos). O Vírus da Febre Amarela (VFA) possui dois ciclos básicos: urbano e silvestre. No ciclo silvestre a transmissão envolve principalmente primatas não-humanos (PNH), ou seja, os macacos e algumas espécies de mosquitos transmissores. Os macacos são infectados ao serem picados por mosquitos, em período de viremia (presença do vírus no sangue). Os humanos suscetíveis, ao frequentarem áreas silvestres, podem ser picados por mosquitos infectados.

Impacto nos primatas De acordo com o coordenador do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Primatas Brasileiros (CPB), Leandro Jesusalinsky, todos os primatas neotropicais são suscetíveis ao vírus da febre amarela, sendo alguns gêneros como Alouatta (bugios, guaribas) e Callithrix (saguis, micos) mais sensíveis, apresentando alta taxa de letalidade, enquanto outros, como Sapajus (macacos-prego), parecem ter maior resistência, adquirindo imunidade mais facilmente. O impacto que a febre amarela pode ter sobre os primatas não-humanos foi evidenciado no surto que ocorreu entre 2008 e 2009, no Rio Grande do Sul, que afetou populações de bugio-preto (Alouatta caraya) e bugio-ruivo (Alouatta guariba clamitans), matando milhares de macacos, com registros de extinções locais, inclusive em unidades de conservação. Segundo Leandro, além das mortes causadas diretamente pela febre amarela, naquela ocasião foram reportadas agressões aos bugios por parte de moradores do interior do Estado, inclusive com mortes. “Havia o receio de que os macacos pudessem transmitir diretamente a doença aos humanos. Como consequência desses impactos, o bugio-ruivo voltou a ser listado como espécie ameaçada de extinção no Brasil”, afirmou. Os cientistas, veterinários e defensores ambientais, estão preocupados

com os últimos acontecimentos. Por ignorância ou medo, o ser humano está cometendo espancamentos com múltiplas fraturas, estão deixando os animais com vísceras estouradas por conta de chutes, casos de envenenamento causados pela ingestão de “chumbinho” disfarçado em bananas, entre outros meios cruéis praticados contra os primatas.

Sintomas Em humanos, a febre amarela causa infecção aguda com febre, icterícia, albuminúria, hemorragia, insuficiência hepática e renal, que pode levar à morte em aproximadamente uma semana, em cerca de 50% dos casos mais graves. Já em macacos, a viremia dura cerca de 3 a 4 dias, com a morte podendo ocorrer entre 3 a 7 dias. Os sintomas são febre, icterícia, apatia, desidratação, anorexia, hemorragia bucal e intestinal, insuficiência hepática e renal, degeneração gordurosa do fígado com necrose extensa e acúmulo de lipídios. A febre amarela, portanto, não é contagiosa, isto é, os macacos não trans-

mitem diretamente essa doença, assim como ela não é transmitida diretamente de um humano a outro. Os mosquitos sim são os vetores do VFA, transmitindo-o entre primatas humanos e não-humanos.

confirmou mais uma morte por Febre

Mais uma morte

tem 11 casos sob suspeita da doença e

Amarela. A vítima era moradora do Centro e estava internada desde a última semana, falecendo na manhã do último dia 8 de fevereiro. Nova Lima 10 confirmados. Seis óbitos também já foram confirmadas pela doença e uma

A Secretaria de Saúde Nova Lima

ainda segue em investigação. Publieditorial

Anestesia odontológica sem agulha

Carlos Cordeiro / www.carloscordeiro odontologia.com.br

A anestesia odontológica é inegavelmente temida por muita gente, fato que chega a levar as pessoas à adiarem o tratamento odontológico o máximo que puderem. Sabendo disso, as empresas de tecnologias odontológicas, constantemente buscaram alternativas para o uso de anestésicos injetáveis. Enquanto isso, pacientes e profissionais cruzavam os dedos para que uma alternativa funcionasse tão bem quanto o tradicional.

Hoje existe a possibilidade de se

lha em meus pacientes, e aceitação foi

fazer uma anestesia com um dispo-

imediata por todos eles. Nem mesmo a

sitivo sem agulha. Ele funciona pul-

pressão do mecanismo é sentida. Tudo

verizando o anestésico em altíssima

isso vem para solucionar o problema

velocidade. Um clique e já está aneste-

das pessoas que sofrem de fobias de

siado. O liquido anestésico se espalha

agulhas.

instantaneamente pelo local de aplica-

Cada dia mais os tratamentos odontológicos ficam mais confortá-

ção, sem dor alguma. Há algum tempo venho testando o dispositivo de injeção sem agu-

veis, e o “medo de dentista” se tornando coisa do passado!

Carlos Cordeiro Odontologia Avançada • Vila da Serra • Alameda Oscar Niemeyer 1033 | 5º andar • 31 37899386 | 31 993055090 • www.carloscordeiroodontologia.com.br • facebook.com/carloscordeiroodontologia • instagram @carloscordeiroodontologia


20

Educação

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018 © Foto: divulgação / cedida Tarcísio Bisinotto/site

Novidade: A agenda digital que minimiza o uso de papel, resultando numa comunicação pontual, em tempo real

Instituto Tarcísio Bisinotto traz novidades em 2018 Escola inicia ano com a implantação da Base Nacional Comum Curricular e também a proposta do ensino bilíngue. Cláudia da Silva Lopes / Coordenadora do Instituto Tarcísio Bisinotto

estimular as vivências democráticas, as crianças de 3, 4 e 5 anos, elegeram os nomes de suas respectivas turmas através do voto. O trabalho com a diversidade cultural brasileira realizado no ITB, segue

Queridas famílias,

pautado por ações sustentáveis, que

É sempre possível falar de novas

vêm se fortalecendo com o engajamen-

realidades, pois mudanças ao nosso

to dos alunos e das famílias. Por exem-

redor estão sempre acontecendo! Se

plo, o cultivo da horta, a adesão das fa-

olharmos para nós mesmos, a cada ins-

mílias ao varal da sustentabilidade, que

tante mudamos de opinião, de posição,

propõe a reutilização de uniformes e

de postura. O Instituto Tarcísio Bisinot-

promove uma ação mútua (dar e rece-

to (ITB) olha para fora e para dentro.

ber) entre as famílias, e, a utilização da

Por isso estamos sempre inovando!

agenda digital que minimiza o uso de

Iniciamos 2018 com a implantação da Base Nacional Comum Cur-

papel, resultando numa comunicação pontual, em tempo real.

ricular, que vai nos referendar nos

Outra grande iniciativa do Ins-

cuidados e educação das crianças,

tituto Tarcísio Bisinotto, em 2018, é a

assegurando-lhes direitos de conviver,

proposta bilíngue! Neste ano, todos os

brincar, participar, explorar, expressar

alunos, do Berçário ao Infantil 5, têm

e conhecer-se. 2018 também trouxe

horários da rotina destinados à inser-

novidades, como o ano da “Interação

ção no idioma inglês. Isso acontece de

e Diversidade”. Nossos eventos foram

forma lúdica, prazerosa e bastante na-

planejados para promover, valorizar e

tural para nossas crianças.

estreitar a convivência entre as famí-

Welcome to ITB in 2018!!!

lias, entre pais e filhos, entre escola e família. As turmas, desde o Berçário até o Infantil 5 têm nome de valores e virtudes: Turma do Equilíbrio, da Cortesia, da Paz, Gratidão, Gentileza... E para

Instituto Tarcísio Bisinotto Av. Professor Cristóvam dos Santos, 595 - Belvedere • Telefone: (31) 3286-1564 www.bisinotto.com.br

Gestão de Condomínio moderna e eficiente. ®

Contabilidade e Gestão de Condomínio; Acesso e serviços on-line; Folha de Pagamento e muito mais. Ligue pra gente. 031 2555-2617 www.hoffmam.com


Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Saúde 21 Publieditorial

Técnicas minimamente invasivas para tratamento de varizes Tratamento bastante difundido nas últimas décadas. A cirurgia de varizes convencional ainda tem espaço nos dias atuais? Que técnicas estão sendo difundidas hoje? As varizes são muito mais que um problema estético, podendo condicionar, além de grande incômodo e prejuízo da qualidade de vida, complicações diversas, como úlceras em perna, trombose e embolia pulmonar. Assim, seu tratamento está indicado e deve ser o mais precoce possível para garantir um melhor controle da doença. Contudo, muitas pessoas adiam este tratamento por desconhecimento ou por medo. Classicamente, a cirurgia convencional de varizes é ainda vista com receio e conotada com tempos prolongados de internação, repouso no leito e afastamento do trabalho. Na realidade atual, a cirurgia de varizes tem suas indicações, é um procedimento seguro e com poucas complicações se bem indicada. Possui ótimos resultados e métodos disponíveis avançados. A cirurgia de varizes por meio do endolaser (laser endovenoso) é indicada para tratamento de dilatações venosas, principalmente veias safenas e perfurantes. Ocorre fechamento da veia pela energia do laser, sem a necessidade de remoção cirúrgica. É realizada uma punção, guiada pelo ultrassom, e introduzida uma fibra óptica diretamente na veia. Os pulsos de energia do laser são liberados ao longo da veia para promover oclusão total da mesma e com bons resultados a longo prazo. Esta técnica permite a possibilidade de tratamento com anestesia local e com sedação leve. Em muitos casos, sem a necessidade de internação prolongada ou anestesias complexas, ocasionando retorno precoce às atividades. Outro método bastante difundido nos dias atuais é a esclaroterapia com

Dra Camila Caetano: Angiologista e especialista em cirurgia vascular espuma densa (aplicação de espuma). Formada por medicamentos esclerosantes e gás carbônico / oxigênio, a técnica de espuma é indicada para tratar pacientes com hipertensão venosa, varizes calibrosas, úlceras nas pernas ou aqueles que possuem risco aumentado para cirurgia convencional. O tratamento é versátil e eficaz, porém é preciso entender quando ele é aplicável. As pessoas que têm alergia ao polidocanol, que já tiveram embolia pulmonar, assim como gestante e indivíduos com doenças arteriais não devem ser submetidos à técnica. Os procedimentos mimosamente invasivos são promissores e desafiam a bordagem cirúrgica como primeira opção de tratamento. Para obter melhores resultados é necessário o conhecimento de cada técnica e uma abordagem individual do paciente e, na maioria dos casos, uma combinação de várias técnicas. Clínica Vascular Camila Caetano Angiologista e especialista em cirurgia vascular/ endovascular e ecografia vascular • CRM 50597 Alameda Oscar Niemeyer, 1033, sala 823, Vila da Serra • Telefone: (31) 3646-0926 Whatsapp: (31) 98372-4549 Membro efetivo na área de cirurgia vascular do Hospital Biocor


22

Social

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Nosso Meio

ALCON reúne com a PM para tratar da segurança A Associação dos Lojistas e Comerciantes da Alameda Oscar

Goretti Senna / redacao@ jornaldobelvedere. com.br

Niemeyer (ALCON), através de sua diretora Cida Miranda, juntamente com o empresário Hélio Lodi, reuniu-se com o Cmdte.Geral da Polícia Militar, Cel. Balsa, e com o Ten. Cel. Washington, para uma primeira visita de cortesia e aproximação com o comando. Na oca-

Avenida perde faixa de estacionamento

sião, a diretora da ALCON fez uma apresentação da região e narrou os últimos fatos relacionados a furtos e roubos registrados no Vila da Serra. Sensibilizado com as questões, o Cmdte. Balsa, que acabou de assumir a 3ª Região da PM, informou que a Alameda Oscar Niemeyer receberá, em caráter provisório, uma Base Móvel da PM, para reforçar a segurança inclusive durante o Carnaval . Também o Comandante Balsa agendou para o próximo dia 15,

Ao que tudo indica, a BHTrans irá

às 19 horas, na Villa Monjardim Costelaria, uma reunião com lojistas

retirar a faixa de estacionamento na

e comerciantes para debater e traçar algumas medidas preventivas

lateral direita da Avenida Luiz Paulo

a serem adotadas na região, visando garantir mais segurança a to-

Franco, da nº 711 até o acesso à Praça

dos. O endereço é Alameda Oscar Niemeyer, 1033.

Tom Jobim. No último dia 8, as faixas de sinalização de parada para idoso e as pontilhadas onde estacionam os motoqueiros foram pintadas. A libera-

Restaurante do Porto vai se instalar na região

ção dessa faixa irá permitir a fluidez do

O Restaurante do Porto, um dos mais tradicionais de Belo

tráfego em direção ao bairro e ao aces-

Horizonte, e especializado em cozinha portuguesa, está investindo

so para o Vila da Serra. Essa mudança

cerca de R$ 1 milhão na abertura de duas unidades, sendo uma

já fora discutida pela Associação de

no Belvedere ou Vila da Serra e a outra na Pampulha. A Casa que

Amigos do Bairro Belvedere (AABB)

funciona há 49 anos na cidade, nos bairros Lourdes, Cidade Nova

junto à BHTRans em várias reuniões

e Bairro Preto, prevê também montar junto com o restaurante uma

no passado.

A permanência do es-

pizzaria. A previsão de gastos para a montagem das duas lojas está

tacionamento na lateral da via causa

estimada em cerca de R$ 600 mil a R$ 800 mil. O restante do in-

vários transtornos. O primeiro deles

vestimento será destinado à pizzaria. O Restaurante do Porto é o

é a manobra de carros que segura o

maior vendedor de bacalhau de Minas e um dos maiores do Brasil.

trânsito. O outro é que muitas vezes os

Por mês, as unidades chegam a consumir/vender duas toneladas

ônibus são obrigados a parar fora das

da iguaria.

suas baias para pegar os passageiros,

O local ainda não foi divulgado, e enquanto isso é aguardar

impedindo o trânsito e formando uma

para saborear os tradicionais pratos da culinária portuguesa, pro-

extensa fila de congestionamento.

duzidos pelo autêntico bacalhau da Noruega.

© Foto: divulgação/cedida Restaurante do Porto/site

Cardápio: O famoso bacalhau com arroz de Braga

Pediatria do Baleia ganha nova decoração Há causas tão nobres que devem ser ditas e divulgadas todos os dias. Novamente, a ação vem do Hospital da Baleia, ao eternizar nos corações dos pacientes mirins em tratamento no Hospital e de seus familiares uma das histórias de amizade e determinação mais comoventes vividas na própria instituição. No próximo dia 15 de fevereiro, o Baleia irá adesivar as paredes da unidade pediátrica com os personagens do livro “O sorriso de João” - que ensina de forma lúdica e educativa como falar de doença e morte com crianças. O “Dia Internacional de Luta contra o Câncer Infantil” (15/02) foi o escolhido para a inauguração da nova decoração. A ação será realizada às 9

horas, no prédio Baeta Vianna - onde funciona a Pediatria - com presença da autora do livro e médica do Baleia, Dra. Raquel Vilela, do cartunista Dan Arrows (que ilustrou gratuitamente a obra solidária), dos pequenos pacientes e seus familiares e de dirigentes e funcionários da instituição. A ideia é alegrar o ambiente e ajudar na recuperação das crianças em tratamento na unidade. Além do golfinho João, personagem principal, outros personagens passarão a fazer parte do convívio diário das crianças como a grande Baleia Azul (que representa o Hospital da Baleia) que está na entrada da ala, recepcionando os pacientes e acompanhantes. © Foto: divulgação / Hospital da Baleia


Saúde 23

Nº 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Porque doenças controladas estão ressurgindo no século 21 As férias escolares de janeiro movimentam os roteiros turísticos, dentro e fora do país. Mas antes de colocar o pé na estrada é fundamental que o viajante procure o médico para avaliar as suas condições de saúde. © Foto: divulgação/Leo Lara /cedida HP

Dra. Marilene Lucinda / Médica responsável pelo serviço de vacinas do Grupo Hermes Pardini

Dentre os avanços no serviço de saúde no Brasil está à vacinação. Estamos entre os países mais avançados na área. Doenças como o sarampo, meningite, coqueluche, hepatite, entre outras, hoje, estão controladas graças ao elevado índice de imunização. Enfermidades que, há poucas décadas, registravam números de óbitos preocupantes, principalmente em crianças. Entretanto, nos últimos anos, uma das doenças erradicadas no Brasil alertou as autoridades de saúde: o sarampo. Após o registrado 147 casos em quatro países das Américas, sendo 121 nos Estados Unidos, 21 no Brasil, quatro no Canadá e um no México, a Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Pan-Americana de Saúde (OPAS) emitiram um alerta ao continente Americano quanto ao risco de disseminação. Mas como uma doença controlada pode ganhar força novamente? É o que vou tentar responder. Em 2002, atingiu-se a impressionante meta de interromper a circulação do sarampo nas Américas. No entanto, desde 2003, e mais drasticamente em 2013 e 2014, houve um absurdo aumento do número de casos, não só nas regiões em desenvolvimento, como Brasil e México, mas também nos Estados Unidos e Canadá, o que trouxe maior preocupação às organizações de saúde. Entre 2003 e 2014 atingiu-se o número de 5.077 infectados. No Brasil, já são

971 casos em nove estados: Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, São Paulo, Santa Catarina e Roraima. O Canadá recentemente teve duas epidemias nas províncias de Ontário e Quebéc. Os Estados Unidos vivem atualmente um surto epidêmico no estado da Califórnia, mas com casos em outros 17 estados. O sarampo é uma doença viral, de fácil disseminação, que possui altas taxas de mortalidade entre crianças menores de cinco anos. Até o final dos anos 70, era uma das principais causas de óbito no Brasil, dentre as doenças infectocontagiosas, sobretudo em menores de cinco anos, em decorrência de complicações, especialmente a pneumonia. Na década de 80, houve um declínio gradativo no número de óbitos. Essa redução foi atribuída ao aumento da cobertura vacinal e à melhoria da assistência médica ofertada às crianças com

complicações pós-sarampo. Em 1992, o Brasil adotou a meta de eliminação do sarampo para o ano 2000, com a implantação do Plano Nacional de Eliminação do Sarampo, cujo marco inicial foi à realização da primeira campanha nacional de vacinação. Mas se a doença estava controlada, onde retrocedemos? Os movimentos anti-vacina têm sido apresentados como os principais responsáveis. Atualmente, nos países que conseguem manter altos níveis de cobertura vacinal, a incidência do sarampo é reduzida. No entanto, a autonomia adquirida pela população para a prática não científica da medicina, baseada em fatos não comprovados, via redes sociais ou sites leigos, tem trazido prejuízos. Este movimento de desconstrução progressiva da autoridade médica tem contribuindo bastante para os extremos de negação das evidências científicas. Exemplo são os pais

ideologicamente contra a vacinação na Califórnia/EUA, que gerou número suficiente de pessoas desprotegidas contra o vírus do sarampo, levando à epidemia. Hoje, os médicos se tornaram quase dispensáveis. Claro que a autoridade absoluta do médico não é saudável. Mas negá-la a ponto de colocar crianças em risco, como no caso dos movimentos antivacinas não é o caminho. A sociedade precisa voltar ouvir os argumentos científicos da medicina baseada em evidências para que não ocorra ressurgimento de outras doenças do passado. A vacinação continua sendo a forma mais segura de prevenção contra as doenças infectocontagiosas. Por isso fica o alerta: se informem antes de acreditar em boatos. As vacinas são seguras, desenvolvidas com base em estudos científicos. Atualizem o cartão de vacinas. Não coloquem a saúde em risco.


24

Nยบ 277 / 10 a 25 de fevereiro de 2018

Jornal Belvedere • Ed. 277  

Edição 277 • 10 a 25 de fevereiro de 2018

Jornal Belvedere • Ed. 277  

Edição 277 • 10 a 25 de fevereiro de 2018

Advertisement