Page 1

12 | Automação | Junho 2018

A fonte de informação em automação industrial

MAIS SEGURO E COM MENOR CONSUMO DE ENERGIA – NOVO SPIDER III - PL BAUMIER

24 JOHNSON CONTROLS LANÇA COMPRESSOR ALTERNATIVO SABROE SMC MK 5

27 EDIFÍCIOS INTELIGENTES: TECNOLOGIAS DE AUTOMAÇÃO PARA SUSTENTABILIDADE

4

NORD DRIVESYSTEMS NA FISPAL TECNOLOGIA 2018

32


12 | Automação | Junho 2018

REVISTA AUTOMAÇÃO

ABB

4

10 DELTA

12 JOHNSON CONTROLS

SCHNEIDER ELECTRIC

14

16 MITSUBISHI ELECTRIC

SIEMENS

18

22

20 JOHNSON CONTROLS

DANFOSS

26

30

24 DELTA

28

27 SCHMERSAL

BAUMIER AUTOMATION

ABB

SCHNEIDER ELECTRIC

31 ANUNCIANTES: NORD 7 • LENZE 9 • NATIONAL INSTRUMENTS 25

www.revista-automacao.com

NORD

32


SOUTHCO

3M GFD

NORD

34

35

36

HMS

TOSHIBA

MAYR

37

38

40

HAIMER

SECO TOOLS

NORD

42

45

46

SOURIAU

KNICK

48

50

Contato: Sílvia Bruin Pereira Editor: silvia@revista-automacao.com A fonte de informação em automação industrial

Press-releases devem ser enviados para: silvia@revista-automacao.com

Para receber a Revista Automação gratuitamente inscreva-se no site www.revista-automacao.com A Revista Automação é publicada pela IPM (Industrial Portals Media) em português para técnicos e engenheiros de automação. O seu conteúdo inclui panoramas de mercado, lançamentos de novos produtos, artigos técnicos e casos de aplicação, bem como notícias da indústria e de negócios. A Revista Automação tem um cuidado minucioso na preparação de seus textos; no entanto, não pode garantir a precisão das informações que são propostas. Suas equipes não são responsáveis pelo conteúdo dos meios de comunicação ou pelo seu uso.

INDUSTRIAL

PORTALS MEDIA


NOVIDADE

PANORAMA DO MERCADO

EDIFÍCIOS INTELIGENTES: TECNOLOGIAS DE AUTOMAÇÃO PARA SUSTENTABILIDADE Além de comodidades e segurança, o maior trunfo dos edifícios inteligentes hoje é a economia que proporcionam em custos diretos e indiretos. O principal deles? Energia. E neste aspecto as tecnologias de automação – mais recentemente a IoT (Internet das Coisas) – premiaram os sistemas aplicados em edificações residenciais, comerciais e corporativas com soluções verdadeiramente sustentáveis.

G

ustavo Vazzoler, Gerente de Negócios de Produtos Prediais da ABB BRASIL, confirma: “A eficiência energética está intimamente ligada à automação. O conceito de edifícios inteligentes ganha força com o cenário de transformações pelo qual estamos passando, com o aumento da preocupação com o uso racional de recursos combinado à chegada da Quarta Revolução Industrial e da Revolução da Energia. Em um primeiro momento, é importante considerar o consumo real do ambiente. A partir da medição, é possível adotar soluções que podem trazem ganhos, sem perda de performance operacional”, explica.

MAIS INFORMAÇÕES

“Edifícios eficientes de energia tornaram-se uma tendência na arquitetura de automação de edifícios. Com o aumento de tarifa e o consumo energia, a eficiência de sistemas de automação, incluindo sistemas de edifícios inteligentes, vem se tornando um forte ramo de trabalho e necessidade, tendo um aumento de demanda em edifícios residenciais, que até então a preocupação com eficiência energética era ainda difícil de justificar no orçamento”, comenta Antonio Araujo, Diretor Técnico da DELTA ELECTRONICS BRASIL. Ele adiciona que elevadores inteligentes com movimentação estratégia, ou utilizando inversores com energias regenerativas, vêm sendo uma das tendências em prédios inteligentes.

12 | Automação | Junho 2018

4

ABB página 10


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

SIEMENS página 18

DELTA página 12

SCHNEIDER página 16

MAIS INFORMAÇÕES

JOHNSON CONTROLS página 14

12 | Automação | Junho 2018

5


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

redução. “Para se obter o máximo do potencial de eficiência energética através da automação predial é necessário que haja uma integração dos projetos elétricos, ar-condicionado, iluminação e do projeto arquitetônico. Dessa forma, é possível desenvolver soluções integradas entre automação de HVAC, sombreamento e dimerização, que visam aproveitar a iluminação externa, mas sem permitir que a radiação aumente a temperatura ambiente”, destaca.

João Paulo Oliveira, Diretor Comercial da JOHNSON CONTROLS, analisa que a busca por equipamentos e produtos mais eficientes (ar condicionado, ventiladores, bombas e lâmpadas) desde a implementação e também em retrofits deixou de ser uma tendência e hoje é uma realidade. “Tem sido cada vez mais comum a implementação de sistemas de automação que permitem maximizar a eficiência desses equipamentos, baseando-se no monitoramento full time com dados online e com tomadas de decisão on time. Com o advento da Internet das Coisas (IoT), tornando possível a interligação de vários dispositivos, do Big Data (grande quantidade de dados disponíveis para análise) e de soluções em nuvem, existe um caminho mais fácil e rápido para que um empreendimento com investimento de rápido retorno tenha sua operação maximizada, aumentando a disponibilidade dos equipamentos e, ao mesmo tempo, diminuindo seus custos energéticos”, ensina.

MAIS INFORMAÇÕES

“A eficiência energética é um dos principais pilares da Automação Predial e sua importância aumentou nos últimos anos por conta do crescimento dos custos de energia”, reitera Mauro Caruso Carrenho, Gerente de EcoBuildings da SCHNEIDER ELECTRIC BRASIL. Ele ilustra que a implementação de uma solução de eficiência energética aborda monitoramento e controle das cargas do edifício, de forma a possibilitar informações detalhadas e setorizadas de consumo, permitindo ao usuário, por exemplo, avaliar qual é o andar de seu edifício que tem maior demanda ou comparar o uso do ar-condicionado, iluminação, tomadas e outros. “Além desses aspectos, a solução de eficiência energética deve considerar os fatores de segurança e conforto do usuário”, lembra. Marcelo Lopes Moreira, Coordenador de Produtos da Divisão Building Technologies da SIEMENS, observa que, na falta de novos investimentos devido à crise, os clientes se preocupam cada vez mais com os custos operacionais para otimizar sua operação e ganhar competitividade, e os custos de energia possuem um potencial enorme de 12 | Automação | Junho 2018

6

MERCADOS E SOLUÇÕES As soluções da ABB BRASIL para residências e edifícios visam tanto o mercado B2C quanto o B2B. A companhia fornece equipamentos e soluções que podem ser aplicados de residências familiares a edifícios comerciais, como hospitais, estádios de futebol, hotéis, grandes centros comerciais e outros. Para o mercado residencial, oferece o ABB-free@home, de fácil instalação e aplicações mais simples. Para edifícios comerciais, a solução é o KNX, que permite funcionalidades mais completas. “Quando falamos em soluções para edifícios inteligentes, somos capazes de atender a cadeia completa de fornecimento, da tomada à automação dos equipamentos, passando pela distribuição da energia elétrica. As soluções são desenvolvidas com internet embarcada, levando os benefícios da Internet das Coisas (IoT) para os clientes. Quando falamos em edifícios inteligentes, as soluções permitem reunir, em uma mesma plataforma, ações de infraestrutura, como segurança e iluminação. Toda a oferta de automação da empresa contempla IoT, permitindo, inclusive, a conexão e a troca de dados com produtos de outros fabricantes disponíveis no mercado”, justifica Vazzoler. O foco da DELTA ELECTRONICS BRASIL no mercado de automação predial é atender aplicações de grande porte, cuja necessidade envolve inversores e sistema de controle unificado. “Temos um segmento denominado Solução Ethernet Industrial, que atende aos requisitos da Internet das Coisas para integrar sistemas ou dispositivos remotos. A solução DIACLOUD oferece serviço na nuvem em conjunto com o modem DX2100; os equipamentos podem se conectar via chip de dados e trocar dados entre si, o que conceitualmente se denomina M2M (machine to machine). O DIACLOUD auxilia no gerenciamento remoto de edifícios, oferecendo velocidade de resolução de problemas, diminuindo os custos de serviços de manutenção, como, por exemplo, quando um elevador necessita de reparo, podendo ser acessado e analisado remotamente”, esclarece Araujo. Vale lembrar que as subsidiárias da companhia – a Delta Controls e a Loytec – fornecem uma ampla gama de produtos de controle e gestão de edifícios com suporte multiprotocolo, como software de gestão de edifícios com uma interface de usuário intuitiva, controladores programáveis, gateways, painéis tipo touch screen, controladores de iluminação e controladores de sala. Desde produtos para controle plug and play de um rooftop ou splitão instalados em supermercados ou rede de varejo, até produtos para laboratórios com salas limpas que exigem sistemas de validação para rastreamento da temperatura e pressão para a produção do medicamento, compõem o portfolio da JOHNSON CONTROLS. O Diretor Comercial anuncia que em abril passado a empresa fez o lançamento no Brasil do Metasys Enterprise Management, segundo ele, um grande passo para a Internet das Coisas


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

ANTRIEB

DER

■ Confiável ■ Versátil ■ Global

NORD DRIVESYSTEMS: ■ Alta gama de potência ■ Soluções completas e flexíveis ■ Sistemas de alta eficiência

DerAntrieb.com NORD Drivesystems BRASIL LTDA. Matriz Brasil Rua Dr. Moacyr Antonio de Moraes, 127 Pq. Sto Agostinho Guarulhos, SP 07140-285 +55 11 24 02 - 88 55 info.br@nord.com Member of the NORD DRIVESYSTEMS Group The

Gear Unit

The

Motor

The

Drive Electronic

■ Rolamentos reforçados ■ Alta proteção contra corrosão

■ Alta eficiência ■ Padrões globais

■ Design compacto ■ Fácil instalação

■ Alta relação de potência x peso

■ Para todas condições de operação

■ Classe de proteção até IP 69K

em sistemas de edifícios. “Uma solução de software analítico baseado na nuvem, que coleta e, proativamente, analisa e simplifica a exibição de dados de equipamentos e medidores de insumos (energia, água, gás, etc.), que utiliza o recurso de detecção e diagnóstico de falhas para notificar e permitir a criação online de ordens de serviço quando um equipamento desvia de seu comportamento pré-configurado. O objetivo é fechar o ciclo: medir, detectar falhas, emitir ordens de serviço de reparo e voltar a medir para acompanhar o resultado. Dessa forma, entregar uma solução para edifícios e/ou clientes multi-sites como rede de hotéis, rede de varejo, rede de shoppings, etc.”, sublinha.

O Coordenador de Produtos da Divisão Building Technologies da SIEMENS entende que todo empreendimento possui potencial para automação, com diferentes aplicações. “Nossas soluções visam fazer a automação dos sistemas existentes no prédio, focados em automação de HVAC, utilidades e elétrica. Além disso, temos também soluções para controle de iluminação integrado com sombreamento que incluem diversos sensores, tanto internos quanto meteorológicos. Esse sistema permite também integração com múltiplas tecnologias de dimerização, inclusive DALI”, assegura. Moreira inclui o software Desigo CC, que possui em seu DNA a integração de múltiplos sistemas em uma única plataforma, através de protocolos padronizados. “Todos os sistemas prediais podem ser conectados na plataforma, nomeadamente a automação predial, proteção contra incêndio, sistema de acesso e segurança, circuito de câmeras, sistemas elétricos e até sistemas de automação industrial. Constantemente são desenvolvidas novas interfaces de comunicação, possuindo além dos protocolos BACnet e Modbus, mais comumente utilizados, os protocolos OPC, SNMP e até IEC61850. No entanto, não é apenas na integração dos sistemas existentes em um edifício que nos focamos. Buscamos, através da nossa plataforma

MAIS INFORMAÇÕES

Os principais clientes da SCHNEIDER ELECTRIC BRASIL no setor de edifícios inteligentes são hospitais, data centers, hotéis e edifícios comerciais. Para atendê-los, desenvolveu o EcoStruxure, arquitetura aberta e interoperável, voltada para a IoT e composta por três camadas: produtos conectados, supervisão e controle, e apps analíticos & serviços. E, a partir desse conceito, foram criadas soluções dedicadas para cada um dos mercados: EcoStruxure for Healthcare, EcoStruxure for Data Center e EcoStruxure Building Operation. O Gerente de EcoBuildings da empresa demonstra:“Na primeira camada do EcoStruxure, que é a de produtos conectados, estão os equipamentos inteligentes, desde os “smart panels” (painéis elétricos inteligentes de média e baixa tensão, controlados e monitorados via redes de comunicação), até dispositivos de controle de iluminação e sensores de campo inteligentes e comunicáveis (pelos quais é possível extrair informações e realizar controle de maneira fácil e digital, tanto para fins de conforto quanto para eficiência energética). Todos são conectados por meio de cabeamento estruturado. Na segunda camada estão os softwares para supervisão e controle dos produtos conectados. Eles trabalham na

gestão de todos os dispositivos da rede, transformando os dados provenientes do campo em informações detalhadas sobre o funcionamento de todo o edifício inteligente. Na última camada, a de aplicativos, análises e serviços, em que são extraídas e analisadas as informações do edifício; o resultado são informações precisas, desde sugestões de melhorias em eficiência operacional, reduções de custos e consumos energéticos até informações para manutenção preventiva e preditiva, tornando o ambiente realmente inteligente e completamente inserido na IoT”.

12 | Automação | Junho 2018

7


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

MindSphere, permitir aos usuários conectar todos seus empreendimentos na nuvem e realizar análises para buscar maior eficiência energética e realizar manutenção preditiva de seus equipamentos, dentre outras infinitas possibilidades”, acentua. NÚMEROS Vazzoler elenca alguns dos principais benefícios que as aplicações para edifícios inteligentes da ABB BRASIL podem trazer: eficiência energética, redução de impacto ambiental, segurança, conforto e flexibilidade. “Um bom case é a experiência da própria fábrica da companhia em Sorocaba. Em 2016, implantamos um projeto de eficiência energética que reduziu o consumo de energia em 50% nas áreas de escritórios, com a instalação do sistema KNX, que automatizou o controle das luzes e do ar condicionado. O retorno sobre o investimento varia de acordo com o nível de automação aplicado em cada projeto. Quando maior o investimento em automação, mais rápido será o retorno. A empresa estima que o investimento retorne dentro de dois a cinco anos, dependendo do nível de automação aplicada”, considera. O Diretor Técnico da DELTA ELECTRONICS BRASIL cita os dados da Associação Brasileira de Automação Residencial (Aureside), os quais apontam que o mercado global de automação tem projeção de crescimento anual de 11,36% entre 2014 e 2020. “Estima-se que, no Brasil, 300 mil casas possuem automação. Porém, o potencial atual para fornecimento de equipamentos é para 1,8 milhão de casas. Porém, o setor da Automação Predial e Residencial nacional experimentará uma retomada lenta; para alavancar mais o mercado o Governo Brasileiro precisa criar incentivos para a utilização de energias renováveis, visando ampliar a utilização de inversores solares em ambientes puramente residenciais”, sugere. A JOHNSON CONTROLS registra casos com paybacks em menos de um ano (principalmente em automação de Centrais de Água Gelada), e investimentos maiores com retornos em até três anos (contemplando todo um empreendimento). “Porém, não se trata apenas do retorno financeiro, existem benefícios intangíveis também. Os atuais sistemas de automação aumentam a confiabilidade dos equipamentos, melhoram o nível de conforto dos usuários, além da possibilidade de uma interação com público, o que permite educar com dicas de redução de consumo e apresentar a comparação da situação atual do empreendimento com outras referências, agregando a ideia de sustentabilidade”, orienta Oliveira.

MAIS INFORMAÇÕES

O Gerente de EcoBuildings da SCHNEIDER ELECTRIC BRASIL declara que em um edifício convencional se vê muita ineficiência. “Com a automação predial, automatizamos o que fazemos e o que também não fazemos como, por exemplo, desligar a iluminação e ajustar a temperatura quando o espaço não está ocupado. A maioria dos edifícios fica desocupada por aproximadamente 50% do tempo; aplicando essas tecnologias já se pode atingir uma redução de 30% no consumo”, atesta. “Nosso headquarter, Le Hive, é um exemplo disso. Para tornar o edifício em um prédio inteligente e diminuir o consumo de energia, inicialmente

12 | Automação | Junho 2018

8

aplicamos nosso sistema de automação predial. Com isso, a conta de eletricidade foi dividida por dois e, após essa etapa, foram instalados três mil sensores inteligentes, permitindo que entendêssemos todo o comportamento e as tendências de ocupação e uso do local. Por meio de nossa plataforma EcoStruxure e com os dados obtidos pelos sensores, foram feitas análises que resultaram em uma notável melhoria operacional. Assim, pudemos novamente dividir o consumo energético por dois – o que significa que tivemos uma redução de despesas de quatro vezes, com um retorno do investimento em menos de três anos”, afiança. “Comumente, os sistemas de iluminação e ar-condicionado podem alcançar até 80% do consumo energético de um prédio. Quando são desenvolvidos projetos integrados, que permitem a maior amplitude de aplicação do sistema de automação, o retorno de investimento costuma acontecer de dois a três anos, reduzindo-se em média 35% do custo energético”, constata o Coordenador de Produtos da Divisão Building Technologies da SIEMENS. “Em sistemas conectados, esse retorno pode ser ainda mais curto, graças à possibilidade de realizar análises mais complexas, comparativos entre múltiplos empreendimentos e manutenção preditiva, reduzindo custos com equipamentos danificados”, conclui. O conhecimento e a experiência com a IoT na indústria concede certa vantagem a esses players nas aplicações que envolvem o mercado de edifícios inteligentes. E, sem dúvida, o conceito criado pelo pesquisador britânico do Massachusetts Institute of Technology (MIT), Kevin Ashton em 1999, é um aliado sem precedentes em tempos de destempero econômico e imposição de controle nos custos energéticos. Sílvia Bruin Pereira - Editora - REVISTA AUTOMAÇÃO


Bem-vindo ao mundo Lenze, a Terra do Movimento! Movimento é o que nos distingue como uma empresa inovadora. É o elemento central da nossa motivação, é o que pensamos, sentimos e fazemos todos os dias, no mundo dos negócios e pessoalmente. Nós não apenas garantimos o funcionamento das máquinas de nossos clientes, mas também oferecemos conceitos e ideias que contribuem para o aumento de desempenho e eficiência.

As melhores máquinas e indústrias ao redor do mundo usam Lenze.

Somos um dos líderes mundiais em tecnologia e soluções de automação industrial e atuamos na vanguarda na Indústria 4.0 com pesquisa e desenvolvimento. Tecnologia alemã de ponta é garantia de performance para seu projeto de automação industrial, sempre com os melhores Controladores Programáveis, IHMs, Inversores de Frequência, Servo motores, Servo drives, Motores e Motoredutores. Suportamos seu projeto com estrutura de engenharia e serviços diferenciados no Brasil para garantir sua produtividade.

Indústria 4.0 desde 1947.

5 Passos para sua liberdade

1

2

3

4

5

DESENVOLVENDO IDEIAS

ESBOÇANDO CONCEITOS

IMPLEMENTANDO SOLUÇÕES

CONSTRUINDO MÁQUINAS

GARANTINDO PRODUTIVIDADE

Fácil assim... www.lenze.com.br Lenze Brasil – Contact Center 19 3846-3500 vendas@lenze.com.br


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

ABB LEVA EXPERIÊNCIA DE CASA INTELIGENTE A NOVOS PATAMARES COM SOLUÇÕES AMAZON E SONOS

Funções de automação residencial líderes de mercado Amazon Alexa e um sistema de som sem fio da Sonos aprimoram ainda mais a proposta de casa inteligente ABB Ability com o ABB-free@home.

A

ABB acaba de selar parcerias com a Amazon e a Sonos e agora os consumidores podem controlar simplesmente até 65 funções, incluindo iluminação, persianas, segurança e aquecimento, com o ABB-free@home por meio de um painel de controle via tablet ou smartphone ou com acesso remoto. Agora as soluções Amazon Alexa e Sonos estão integradas dentro da mesma plataforma aberta de automação residencial.

MAIS INFORMAÇÕES

A ABB está na vanguarda do mercado com seu portfólio ABB Ability de soluções conectadas e baseadas em software desenvolvidas para automação residencial e predial com um vasto leque de aplicações. Agora, a ABB está em parceria com outras líderes de mercado para oferecer uma experiência integrada a fim de que os consumidores possam ter ao seu alcance a última palavra em tecnologia para sua comodidade: comandos de voz via Alexa para acender as luzes e personalizar o ambiente com a configuração do sistema de som em diversos cômodos, além de proporcionar eficiência energética no controle de iluminação, aquecimento e persianas.

12 | Automação | Junho 2018

10

A integração com o Amazon Alexa permite o controle via voz de até 65 funções dentro do ABB-free@home, bem como por meio do aplicativo ou plataforma online my ABB Living Space. A ABB oferece um recurso próprio de ativação via voz para os consumidores que preferem não usar a solução Alexa. Os alto-falantes da Sonos podem ser controlados pelo aplicativo, pelos sensores e pelos painéis de toque do ABBfree@home. Os usuários poderão ver e criar grupos de altofalantes, além de iniciar, parar, silenciar e pular músicas, bem como ajustar o volume, tendo assim a possibilidade de integrar suas músicas favoritas em cenas pré-selecionadas. O presidente da Divisão de Produtos de Eletrificação da ABB, Tarak Mehta, comentou a notícia. “Com o ABB-free@ home, somos verdadeiros pioneiros no segmento de casas inteligentes, no qual o ABB Ability pode levar os benefícios da digitalização a consumidores em qualquer lugar”, disse. “Abrimos a oportunidade de soluções de automação mais fáceis e de custo mais acessível. Continuaremos colaborando com outros líderes para aprimorar a experiência dos nossos consumidores em uma única plataforma. Mais de um


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

milhão de unidades do ABB-free@home foram vendidas desde 2014. Integração e inovação são fatores-chave de sucesso para garantir uma interface de usuário agradável com uma funcionalidade em evolução desenvolvida por diferentes marcas.” O mercado de automação residencial deverá atingir um valor superior a US$ 100 bilhões até 2022, segundo analistas do setor. As soluções para residências e prédios mais inteligentes da ABB beneficiam várias aplicações, como casas, edifícios residenciais, hotéis, edifícios comerciais e áreas de entretenimento. Na Alemanha, na Holanda e na Áustria, esses produtos estão disponíveis pela marca BuschJaeger.

MAIS INFORMAÇÕES

“Os consumidores querem funções de casa inteligente que tornem suas vidas mais confortáveis e os ajudem a contribuir para um planeta mais sustentável”, prosseguiu Mehta. “Continuamos desafiando os limites e a inteligência artificial nesse segmento, o que irá nos ajudar a dar um grande salto com soluções que se antecipam ao funcionamento de uma casa, desligando coisas por meio de sensores que detectam quando o prédio está vazio, acionando automaticamente o aquecimento quando o GPS detecta que você vai chegar em 15 minutos em casa e aprendendo sobre suas preferências de controle de iluminação e som.” www.abb.com 12 | Automação | Junho 2018

11


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

DELTA GREENTECH BRASIL LANÇA MODELOS DE MEDIDORES DE ENERGIA WIRELESS DPMC520W E SEM DISPLAY DPMD520I

Delta Automação Industrial apresenta nova linha de medidor de energia WiFi DPM-C520W, que fornece uma porta serial RS-485 Modbus RTU para comunicar dados com CLPs ou outros sistemas locais.

O

medidor de energia com antena wireless DPMC520W possibilita medições de dados de gerenciamento e monitoramento de energia para tensão trifásica ou monofásica, corrente, potência ativa, potência reativa, potência aparente, fator de potência, frequência, consumo Watt/h e energia reativa. Medições de harmônicas é medida para corrente e tensão da 2º harmônica até o 31º harmônica.

O DPM-C520W oferece comunicação sem fio por WiFi em rede local, facilitando a instalação em novas máquinas ou existentes que não possuem um ponto de acesso cabeado tradicional. Isso permite monitoramento remoto e coleta de dados para sistemas SCADA ou software de gerenciamento de energia. Além disso, o medidor fornece uma porta serial RS-485 Modbus RTU, para comunicar dados com CLPs ou outros sistemas locais. Um recurso de agrupamento de parâmetros aumenta a eficiência da comunicação para agilidade da informação, aumentando assim a taxa de transmissão e diminuindo o tráfego das informações.

MAIS INFORMAÇÕES

Os medidores sem display DPM-D520I têm tamanho compacto e montagem em trilho DIN, permite monitoração de alimentadores e entradas de energia em pequenas e médias instalações sem a utilização de transformadores de corrente e de potência até 63 A. O medidor D520I ainda possibilita registro de demanda mensal, o operador pode selecionar a data de fechamento da demanda do mês. Todos os medidores da Delta atendem à norma IEC6205322 Classe 0.5S para precisão de energia. Possui um display de LCD grande possibilitando a leitura de quatro medições 12 | Automação | Junho 2018

12


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

simultâneas, possibilidade de trocar idiomas. O medidor C520W atende as normas de segurança UL e CE. Funções de calendário estão disponíveis para configuração e registro de dados automaticamente e uma ferramenta guarda até dois meses de medidas e 500 alarmes de histórico. Os medidores DPM são compactos, versáteis e precisos, fazendo os produtos de Automação Industrial da Delta os mais confiáveis em controle e medição no mercado. Eles são o produto ideal para aplicações de gerenciamento de custos de última geração, fornecendo os recursos de medição necessários para alocar o uso da energia, realizar a medição e rateio entre locatários, identificar economias de energia, otimizar a eficiência e utilização de equipamentos, e realizar uma avaliação de alto nível da qualidade de energia em uma rede elétrica. http://bp.delta-americas.com/IndustrialAutomation/PowerMeters

MAIS INFORMAÇÕES 12 | Automação | Junho 2018

13


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

NOVA PLATAFORMA DA JOHNSON CONTROLS TRANSFORMA DADOS DO SISTEMA PREDIAL EM INSIGHTS ACESSÍVEIS

A Johnson Controls apresenta o Metasys® Enterprise Management, uma plataforma de aperfeiçoamento abrangente, analítica e baseada em nuvem que analisa de forma proativa os dados de energia e os equipamentos do edifício para identificar problemas, falhas e oportunidades de melhoria de desempenho e de economia operacional.

O

Metasys Enterprise Management trabalha com o sistema de automação predial Metasys, outros sistemas de automação predial e medidores de energia que suportam a comunicação IP da BACnet para extrair quantidades esmagadoras de dados e transmiti-las com segurança para a nuvem, onde são transformadas em informações acessíveis.

MAIS INFORMAÇÕES

Os recursos de gerenciamento de energia coletam, analisam e exibem informações automaticamente para todos os medidores físicos e virtuais configurados na operação das instalações. A demanda e o consumo de energia são agregados e exibidos usando painéis intuitivos e prontos para uso.

Análises poderosas eliminam 24x7 problemas relacionados à energia e aos equipamentos. O Metasys Enterprise Management também fornece informações acionáveis por meio do recurso FDD (Detecção e diagnóstico de falhas), como parte do conjunto de recursos de gerenciamento de equipamentos. Este recurso altamente eficaz permite que os operadores do edifício tomem ações corretivas por meio de ordens de serviço orientadas pelo FDD. O recurso Manutenção de Ativos permite que os usuários gerem e rastreiem ordens de serviço e ações de manutenção, verifiquem o feedback e o status do relatório de serviço e meçam o desempenho das equipes de manutenção por meio de indicadores-chave de desempenho – tudo em uma única plataforma. O recurso Kiosk fornece uma exibição interativa personalizável que usa dados de energia para que os clientes possam promover, informar e educar as partes interessadas do edifício sobre como melhorar o desempenho do sistema, os esforços de sustentabilidade e muito mais.

12 | Automação | Junho 2018

14


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

“O Metasys Enterprise Management ajuda os clientes a fechar o ciclo, fornecendo uma solução de plataforma única que identifica uma falha, sugere a ação corretiva apropriada, permite que os usuários criem uma ordem de serviço e acompanhem o progresso em direção à solução”, comenta Sudhi Sinha, vice-presidente de negócios de dados habilitados da Johnson Controls. “O resultado é o tempo reduzido na tarefa, maior vida útil do equipamento e menores custos de energia. Tão importante quanto isso, o Metasys Enterprise Management oferece aos usuários uma maneira de demonstrar o retorno dos investimentos no edifício.”

várias opções de assinatura, a plataforma pode atender ao orçamento e às necessidades de qualquer organização e garantir que os clientes possam ficar atualizados com atualizações e aprimoramentos frequentes. “Dessa forma, conseguimos implementar a solução em quaisquer segmentos ou tamanhos de edifícios”, complementa Scudeller Jr. w w w.johnsoncontrols.com/buildings/buildingmanagement/MEM

O Metasys Enterprise Management é fácil de configurar e de usar, tornando-o quase imediatamente operacional. Sua arquitetura de sistema é escalonável às necessidades de energia da instalação e aos requisitos de monitoramento de equipamentos, capazes de acomodar edifícios e sistemas de complexidade, tamanho e escopo variados.

MAIS INFORMAÇÕES

“Apesar de o software ser potente e possuir muitos recursos, a exibição de todos os dados é feita por meio de dashboards simples e fáceis de entender, permitindo aos usuários uma tomada de decisão mais rápida e eficiente”, comenta Waldemar Scudeller Jr, gerente geral Brasil da Johnson Controls. Como o Metasys Enterprise Management é fornecido e ativado por meio de licenças baseadas em nuvem com 12 | Automação | Junho 2018

15


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

KNX PRO DA SCHNEIDER ELECTRIC PERMITE AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL COMPLETA

Sistema para controle de edifícios inteligentes pode ser conhecido na CasaE, projeto de ecoeficiência da BASF.

A

automação residencial tem ganhado cada vez mais espaço no mercado brasileiro, e, com a previsão de retomada da construção civil para 2018, a tendência é que essa tecnologia passe a ser ainda mais utilizada. Segundo dados da Associação Brasileira de Automação Residencial (Aureside), atualmente, cerca de 300 mil casas já contam com essa funcionalidade no país e seu potencial de implementação pode suprir até 1,8 milhão de casas. Como líder na transformação digital em gestão da energia elétrica e automação, a Schneider Electric está presente nesse setor, com soluções de gerenciamento de ambientes para maximizar a flexibilidade, o conforto, a segurança e a eficiência energética em edifícios inteligentes.

MAIS INFORMAÇÕES

Uma das principais soluções que a companhia francesa fornece é o sistema KNX, tecnologia para automação residencial que proporciona operação intuitiva, com aplicações personalizáveis e remotas (via dispositivos móveis) e combina todas as principais funções residenciais. As interfaces KNX Pro dispõem de vários recursos, como: controle de luminosidade, sensores de movimento e presença, comando liga/desliga, gestão de temperatura 12 | Automação | Junho 2018

16

ambiente, abertura ou fechamento de persianas, entre outras opções. “Poder contar com a automação residencial na rotina diária, vai muito além de apenas fechar as janelas em caso de possíveis chuvas ou de desligar os equipamentos eletrônicos de modo remoto: reflete diretamente na redução do consumo de energia, de custos operacionais e ainda permite que seus usuários tenham mais comodidade, proteção e conveniência em seu dia a dia”, afirma o vicepresidente de Buildings na Schneider Electric, Klecios Souza. O KNX, que pode ser aplicado a todo tipo de construção, está em demonstração na CasaE, casa de ecoeficiência que funciona como um catálogo vivo da BASF e parceiros para promover sustentabilidade e inovação no setor da construção civil, e é aberta à visitação do público. “Para nós, desenvolver tecnologias que propiciam eficiência energética e sustentabilidade é motivo de orgulho e vem ao encontro do nosso core business”, completa Souza. Além do KNX, também fazem parte da CasaE interruptores e tomadas da Schneider, que contam com placas


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

personalizadas, cores sofisticadas, funções multimídia como entrada USB, tomadas com proteção para crianças e produtos antibacterianos. Na CasaE, foram instaladas as linhas Unica e Orion, e, na Casa Econômica, projeto que propõe um sistema construtivo que permite construir com mais rapidez e ter eficiência energética, foram instalados interruptores da linha Miluz. www.schneider-electric.com.br/pt/

MAIS INFORMAÇÕES 12 | Automação | Junho 2018

17


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

DESIGO CC PARA APOGEE

A Siemens integra o sistema de automação predial mais confiável ao novo e inovador centro de controle.

O

Desigo CC aumenta a potência do sistema de automação predial Siemens APOGEE®. O APOGEE, a marca mais confiável no mercado, está instalado em milhares de localidades em todo o mundo. O Desigo CC dá nova dimensão aos recursos do APOGEE, dando a você um nível mais inteligente de integração, desempenho e eficiência para seus sistemas prediais centrais.

MAIS INFORMAÇÕES

O Desigo CC para APOGEE oferece informações centralizadas e controle único dos sistemas prediais de automação, segurança e proteção contra incêndio, ajudando você no alcance de resultados melhores. Você obtém o melhor do APOGEE com uma interface inteligente, fácil de usar.

Interface melhorada – A Automação Predial APOGEE permite a você tomar decisões mais inteligentes. Como base de controle da sua plataforma, ele capta informações utilizáveis e em tempo real. O Desigo CC para APOGEE fornece uma interface simplificada para essas informações. Ela exibe dados da maneira em que você está interessado, permitindo a definição de estratégias mais inteligentes e efetivas. O design único é capaz de antecipar seus próximos passos e se adaptar as suas necessidades. Você pode selecionar parte da instalação em que você está interessado e o Desigo CC orientará você até a informação mais importante. Com o Desigo CC como peça central do seu sistema APOGEE, você obtém dados relevantes e de fácil leitura de seus sistemas prediais. Você pode personalizar a interface para ver o que você precisa. E pode identificar e tratar a fonte de eventos com facilidade. Arquitetura aberta – O Desigo CC para APOGEE foi desenvolvido para acompanhar a mudança da tecnologia nas instalações modernas. O APOGEE é um sistema aberto, baseado em torno do BACnet e é flexível o suficiente para

12 | Automação | Junho 2018

18


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

trabalhar com muitos outros protocolos com a adição do Desigo CC. Sua arquitetura aberta traz controle incomparável de sistemas e equipamentos prediais críticos. Ele suporta uma variedade de protocolos de sistema aberto e padrões de TI, incluindo: OPC; Modbus; XNET; ONVIF; SNMP e SMTP.

www.siemens.com.br/solucoes-prediais

O Desigo CC para APOGEE é também uma ferramenta poderosa para monitoramento de sistemas de alarme contra incêndio e é listado na UL para uso junto com os principais produtos contra incêndio da Siemens: FireFinder® XLS e Cerberus PRO. O Desigo CC para APOGEE facilita a notificação de alertas e alarmes de incêndios e de segurança de vida aos usuários externos, utilizando a capacidade do recurso RENO (notificação remota). Os usuários podem selecionar uma variedade de notificações, como e-mail ou mensagem de texto para notificar até 50 destinatários. Onde quer que você esteja, pode ter certeza de que seu edifício está a salvo.

MAIS INFORMAÇÕES

Melhor gerenciamento de energia – O APOGEE maximiza a eficiência de suas instalações para fazer com que seus ocupantes sejam mais produtivos e estejam mais seguros e confortáveis. Com a combinação da interface lógica do Desigo CC e o confiável Sistema de Automação Predial APOGEE, você pode monitorar e controlar facilmente o uso de energia. Ter controle inteligente de sistemas prediais significa estar mais informado quando toma decisões sobre o consumo de energia. 12 | Automação | Junho 2018

19


APLICAÇÃO

SOLUÇÕES MITSUBISHI ELECTRIC REDUZEM TEMPO DE OPERAÇÃO DE EQUIPAMENTO DA ROMI EM ATÉ 80%

Novo sistema de automação Gantry Loader atingiu índice após uso de componentes da multinacional japonesa.

A

Romi lançou em 2017 o sistema de automação Gantry Loader Romi, para centros de torneamento. Essa solução consegue reduzir em até 80% o tempo de carga e descarga de CNC, proporcionando uma produção mais eficaz e eliminando todas as improdutividades associadas ao trabalho manual repetitivo.

MAIS INFORMAÇÕES

A redução do tempo de operação é possível, pois a central de torneamento não precisa mais ser paralisada por longos períodos para a troca das peças. Com a nova solução, um braço mecânico retira a peça a ser usinada do carregador, coloca no torno e, assim que concluído o processo, coleta a mesma, evitando a necessidade de paralisação do equipamento para a entrada do operador, que realizaria toda a operação manualmente.

Para atingir esse resultado, o desenvolvimento da solução exigiu que a Romi buscasse no mercado um parceiro que fosse referência mundial em automação industrial. “Somos mundialmente conhecidos pela alta tecnologia aplicada em nossos produtos e por isso exigimos de todos os nossos fornecedores alta capacidade técnica, qualidade e a melhor relação custo-benefício”, afirma Douglas Pedro de Alcântara, Gerente de Engenharia de Produtos/Máquinas-Ferramenta da Romi. O gerente conta que a disponibilidade e cooperação das equipes técnicas da Romi e da Mitsubishi Electric foram determinantes para o êxito do projeto. “Nosso planejamento era de ofertar um Gantry Loader que atendesse plenamente as necessidades dos clientes. O principal desafio da equipe que trabalhou no projeto foi identificar os requisitos específicos do mercado quanto aos tipos e tamanhos de peças e transformar isso em um produto confiável e de fácil programação e uso”, explica. Como resultado da parceria, o Gantry Loader Romi foi agregado ao Centro de Torneamento da Linha Romi GL, permitindo a obtenção de um funcionamento contínuo em lotes de peças, alta produtividade e confiabilidade.

12 | Automação | Junho 2018

20


NOVIDADE

“A Mitsubishi Electric, como parceira neste projeto de automação, mostrou que podemos oferecer ainda mais possibilidades de aumento de produtividade aos nossos clientes”, completa Alcântara. A Mitsubishi Electric forneceu para este projeto, soluções de IHM (linha GT16HS), CLP (série iQ-F), Inversores de frequência (série D700) e servo motores (série JE). “Por conta da interatividade das nossas IHMs e a integração com outras soluções como os CLPs da linha FX5, o sistema de programação do Gantry Loader Romi ficou simples e intuitivo, possibilitando programar facilmente a carga e descarga de outras peças do portfólio do cliente final”, finaliza Caio Corradi Santana, executivo de vendas da Mitsubishi Electric do Brasil. www.mitsubishielectric.com.br/ia

MAIS INFORMAÇÕES 12 | Automação | Junho 2018

21


N OT Í C I A

ABB FAZ INVESTIMENTO MILIONÁRIO EM CAMPUS DE AUTOMAÇÃO NA ÁUSTRIA

Serão 100 milhões de euros em campus global de inovação e treinamento na sede da B&R, o que deve criar mil novos empregos.

U

m ano após ter anunciado a aquisição da B&R (Bernecker + Rainer Industrie-Elektronik GmbH), a ABB se prepara para investir 100 milhões de euros na construção de um campus de inovação e treinamento de última geração na sede da B&R, em Eggelsberg, na Alta Áustria. Trata-se do maior investimento em automação industrial ao longo de mais de 130 anos de história da ABB, estabelecendo as bases para a criação de cerca de mil novos postos de trabalho no setor de alta tecnologia, na Áustria.

No novo campus de inovação e treinamento, tecnologias para a fábrica do futuro serão desenvolvidas, baseadas no ABB Ability, com máquinas e robôs inteligentes conectados à nuvem se encarregando da produção de forma autônoma. Com esse investimento, a ABB apresenta os resultados de sua estratégia Next Level, que coloca a inovação como um fator crucial para o crescimento rentável. A empresa investe, anualmente, US$ 1,4 bilhões em Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) e conta com uma equipe de cerca de 30 mil engenheiros de aplicação dedicados. A B&R conta com mais de mil colaboradores trabalhando em P&D e desenvolvimento de aplicações.

MAIS INFORMAÇÕES

O novo campus de pesquisa e desenvolvimento ocupará uma área de 35 mil m² e sediará um número significativo de instalações de última geração. Paralelamente aos ultramodernos laboratórios de P&D, em que novas tecnologias de automação serão desenvolvidas e testadas, desde sistemas de controle industrial ao aprendizado de máquinas e inteligência artificial, estará funcionando uma academia de automação para capacitar e treinar nossos clientes, parceiros e colaboradores nessas tecnologias. A cerimônia de lançamento da pedra fundamental está prevista para meados deste ano e é esperado que o novo 12 | Automação | Junho 2018

22


NOVIDADE

campus esteja em plena atividade antes do fim de 2020. Uma vez prontas, as instalações de Eggelsberg constituirão um dos maiores centros de pesquisa e desenvolvimento da ABB. Com seu novo campus, o segundo maior fornecedor de soluções de automação industrial do mundo expandirá ainda mais sua posição de liderança no setor de automação fabril e de máquinas. O desenvolvimento de tecnologias disruptivas permitirá à ABB ser ainda mais útil ao altamente atraente segmento de automação fabril e de máquinas, um mercado que movimenta US$ 20 bilhões.

MAIS INFORMAÇÕES

A ABB adquiriu a B&R em julho de 2017. Na época, tratavase do maior fornecedor independente de soluções de arquitetura aberta baseada em produtos e software para automação fabril e de máquinas. Hoje, a B&R está plenamente integrada à divisão de Industrial Automation da ABB como sua unidade empresarial global de Automação Fabril e de Máquinas. As duas ofertas combinadas alçaram a ABB à posição de único fornecedor de automação industrial a oferecer, atualmente, a seus clientes uma gama completa de soluções de tecnologia e software abrangendo medições, controle, atuação, robótica, eletrificação e digitalização. www.abb.com

12 | Automação | Junho 2018

23


NOVIDADE

MAIS SEGURO E COM MENOR CONSUMO DE ENERGIA – NOVO SPIDER III - PL

Configure rapidamente e facilmente os parâmetros básicos do switch através da interface USB do dispositivo com o software Switch Programming Tool - Disponível para sistemas operacionais Windows e Linux.

P

ara redes com necessidades exclusivas, o switch também pode ser personalizado para qualquer caso de uso. Através da interface USB, você também pode desligar as portas não utilizadas para proteger melhor a rede e ativar ou desativar a transmissão de grandes pacotes de dados (Jumbo Frames) para aumentar a eficiência da rede.

MAIS INFORMAÇÕES

Com até 26 portas disponíveis, você pode selecionar os tipos de portas que atendem às necessidades de sua aplicação, incluindo portas Fast Ethernet, Gigabit Ethernet e fibra óptica. A caixa metálica IP40 robusta também protege os switches contra ambientes agressivos.

Benefícios • Ajuste a energia consumida dependendo do tráfego de rede, através do padrão Energy Efficient Ethernet. • Ideal para ambientes extremos, particularmente com temperaturas extremas. • Em conformidade com Profinet Classe A . • Flexibilidade no número de portas: de 2 a 26 portas. • Atende padrões incluindo: - ISA-12.12.-01 e ATEX Classe 2. - Marítimo: Navy GL e DNV. - Transporte: EN 50121-4. - Veículos rodoviários: E1. • Atende mercados com necessidades de eficiência energética: - Automação de processos, transporte, marítimo, manufatura, fabricação máquinas, água e tratamento de água, automotivo, energia solar, sistemas de controle de trânsito. www.baumier.com.br

12 | Automação | Junho 2018

24


NOVIDADE

NOVA VÁLVULA DE BALANCEAMENTO AB-PM, DA DANFOSS, FAZ CONTROLE DO SISTEMA HVAC POR ZONA

Em um único corpo de válvula, AB-PM possui três funções distintas: balanceamento automático feito pelo controlador diferencial de pressão, limitação do fluxo e controle de zona.

A

Danfoss desenvolveu a AB-PM, válvula de balanceamento automática destinada a aplicações de aquecimento e resfriamento com a necessidade de um controle por zona. A solução possui três funções distintas em um corpo de válvula: balanceamento automático feito pelo controlador diferencial de pressão, a limitação do fluxo e o controle de zona.

MAIS INFORMAÇÕES

Com a AB-PM, os proprietários de edifícios podem projetar e instalar a base do sistema de aquecimento e resfriamento antes de os inquilinos chegarem. A instalação da AB-PM assegura ao proprietário da construção um sistema HVAC confiável e um processo de design e construção rápido e fácil. Com a AB-PM, o proprietário do edifício pode facilmente dividir o sistema HVAC em zonas individuais para cada loja ou escritório, pois a solução equilibra automaticamente o sistema, fornecendo o fluxo correto para cada zona em carga total ou carga parcial, independentemente do número de unidades terminais a serem instaladas.

12 | Automação | Junho 2018

26

Um sistema HVAC instalado com as válvulas de balanceamento hidrônico AB-PM permite que os proprietários dos edifícios administrem o sistema de aquecimento e resfriamento de seus edifícios de forma eficiente. O pré-comissionamento do sistema também torna a vida muito mais fácil para os inquilinos das zonas individuais, permitindo-lhes conectar seus sistemas HVAC com menos trabalho e reduzindo despesas. Em apenas um corpo de válvula compacto, a AB-PM traz os seguintes benefícios: controle diferencial de pressão, interrupção, limite de fluxo, verificação do fluxo, controle de zona com atuador e design flexível de zona. www.danfoss.com.br


NOVIDADE

JOHNSON CONTROLS LANÇA COMPRESSOR ALTERNATIVO SABROE SMC MK 5

Novidade tem vida útil prolongada em 25% em todos os regimes de operação e capacidade elevada em 20%.

A

Johnson Controls apresenta o compressor alternativo Sabroe SMC Mk 5, que estabelece novos padrões em termos de intervalos entre manutenções, eficiência e confiabilidade. Diversas atualizações foram implementadas no compressor SMC, incluindo a opção de uma unidade sem separador de óleo, reduzindo a área ocupada e o custo da unidade compressora. O compressor alternativo SMC Mk 5 conta com vida útil prolongada em 25% em todos os regimes de operação e a capacidade foi elevada em 20%, alterando a velocidade do compressor de 1500 rpm para 1800 rpm.

“As melhorias não se limitam aos compressores SMC, mas também se aplicam ao resto do portfólio, de modo que todos os compressores alternativos Sabroe receberão os benefícios da atualização do Mk 5”, comenta Celina Bacellar, gerente de produto de refrigeração industrial da Johnson Controls. www.johnsoncontrols.com

MAIS INFORMAÇÕES

Todos os compressores SMC Mk 5 podem ser equipados com variador de velocidade (VSD) como padrão. O sistema VSD garante um desempenho excepcional com eficiência energética máxima, mesmo sob condições de carga parcial e alterações no regime de trabalho. A regulagem da capacidade do compressor é feita de forma linear de 28% até 100%, sem perda de eficiência, e garante que o desempenho (COP) e os custos operacionais sejam otimizados em todos os momentos.

12 | Automação | Junho 2018

27


NOVIDADE

DELTA LANÇA PLATAFORMA DIACLOUD PARA INTERNET DAS COISAS, DE FÁCIL CONFIGURAÇÃO PLUG AND PAY, MONITORAMENTO SEGURO E ROBUSTO, E MANUTENÇÃO E LEITURA REMOTAS

Como um dos principais fornecedores de tecnologia de produtos de Automação Industrial (IA) e um colaborador-chave para o avanço global da manufatura inteligente e mais ecológica - a Delta lançou sua solução DIACloud Platform com serviço gratuito de até 12GB/ano para monitoramento remoto, manutenção remota e coleta/armazenamento de dados (big data).

A

plataforma em nuvem DIACloud é uma tecnologia segura que permite que os dispositivos conversem entre si como se estivessem na mesma rede. De fácil configuração, permite a cada usuário conectar a seus dispositivos e verificar o status on-line dos dispositivos, seja pela Web, desktop ou telefone celular, utilizando o aplicativo DIACloud da Delta para plataformas iPhone e Android.

MAIS INFORMAÇÕES

A Delta lançou três produtos que se conectam a plataforma DIACloud: Roteador com chip de celular GSM DX-2100 3G; Roteador Ethernet DX-2300 Ethernet Cloud WAN; e Roteador com chip redundante e Ethernet DX-3001 Ethernet Cloud WAN.

O Sistema na nuvem DIACloud permite que equipamentos como CLPs, Interfaces Homem Máquina ou qualquer dispositivo se conectarem a uma rede segura vinculados a uma conta cadastrada. O recurso gateway Modbus dos modelos DX garantem qualquer dispositivo usando o protocolo possam ser monitorados, configurados e atualizados remotamente sem a necessidade de envolver um departamento de TI. A solução ainda permite ao usuário de qualquer lugar se conectar pelo seu PC ao dispositivo; você pode usar o software DIACom para conectar seu PC à mesma rede à qual esses outros dispositivos estão conectados como se estivesse localmente conectado ao produto, mesmo que você esteja no outro lado do planeta. O DX-2100 e o DX2300 também possuem recursos integrados para facilitar o monitoramento de dispositivos, como SMS e capacidade de alarme de e-mail. Confiabilidade, velocidade e robustez são três coisas importantes para qualquer dispositivo com conectividade

12 | Automação | Junho 2018

28


NOVIDADE

remota. É por isso que a Delta tem mais de 15 servidores em todo o mundo inclusive no Brasil, para garantir que haja sempre um servidor seguro e próximo para se conectar.

Há também uma opção de utilização sem a plataforma DIACloud para sistemas que preferem uma solução baseada em VPN: o Roteador VPN Ethernet / 3G DX-3001.

Um dos principais problemas com o armazenamento de dados em nuvem é a quantidade e tamanho do arquivo que deseja enviar. É por isso que o protocolo DIACloud proprietário da Delta oferece suporte ao relatório por mensagens de exceção, para garantir que apenas os dados necessários sejam transmitidos aos servidores. Além disso, a plataforma DIACloud da Delta oferece suporte à tecnologia de armazenamento gratuito para garantir que os dados estejam completos e consistentes.

Essa plataforma de hardware e software permite que fabricante de máquinas e os usuários finais conectem, monitorem e armazenem informações de forma eficaz para permitir o empacotamento inteligente. http://bp.delta-americas.com/IndustrialAutomation/ Industrial-Ethernet

Outro ponto importante para soluções baseada na Internet das Coisas é um sistema barato e fácil de configurar. Dessa forma, a Delta oferece gratuitamente para cada DX conectado ao DIACLOUD 12GB anuais de trafego e instalação plug & play de fácil configuração, com apenas três passos, criar um túnel seguro e simples e se conectar ao dispositivo. MAIS INFORMAÇÕES

Rodolpho Ramos, Especialista de Produto da Delta, assegura que a conexão é segura, informando que “a Delta patenteou a tecnologia para autenticação, autorização e criptografia de dados para garantir que o dispositivo dos usuários finais seja seguro, de ponta a ponta, com apenas dispositivos autenticados e PCs permitidos na rede”. 12 | Automação | Junho 2018

29


NOVIDADE

TAPETES DE SEGURANÇA DA SCHMERSAL PODEM SER PERSONALIZADOS DE ACORDO COM NECESSIDADE DO PROJETO

Tapetes de segurança são utilizados para a proteção do operador que trabalha próximo a máquinas que possuam conjuntos em movimentos. Alguns exemplos de aplicações para os tapetes de segurança incluem máquinas com braços robóticos ou partes que se desloquem e se movam para fora da carcaça da máquina.

A

Schmersal tem em seu portfólio os Tapetes de Segurança SMS4 e SMS5, dispositivos de proteção sensíveis à pressão de contato, projetados para detectar a presença de pessoas na sua superfície. “Quando o tapete é pressionado, as placas condutivas se tocam e a resistência do circuito tende a zero. Isto é monitorado pelo módulo de segurança, que envia um sinal à máquina, interrompendo imediatamente o movimento perigoso”, explica Murilo Moraes, coordenador de produto de Automação & Segurança da Schmersal.

Monitorado por uma interface de segurança, este dispositivo pode ser customizado de acordo com a necessidade do projeto, com recortes e tamanhos distintos. A série SMS4 é fixada ao chão por meio de um perfil de alumínio e cantoneiras especiais. O perfil em forma de rampa evita o risco de tropeço. Além disso, o perfil de alumínio serve como proteção das bordas, quando passam empilhadeiras e outros equipamentos ao longo dos tapetes de segurança. Na série SMS5, o perfil atuante de poliuretano é diretamente moldado na superfície do tapete de segurança.

MAIS INFORMAÇÕES

Os tapetes de segurança são caracterizados pelo design robusto e alta resistência a ácidos, soluções de soda cáustica, óleo e gasolina. Em combinação com os módulos de segurança SRB 301HC/R ou SRB 301HC/T, os tapetes de segurança da Schmersal atendem os requisitos da categoria de controle 3 de acordo com a EN 954-1. www.schmersal.com.br

12 | Automação | Junho 2018

30


NOVIDADE

SCHNEIDER ELECTRIC LANÇA ATUALIZAÇÃO DO NOBREAK TRUNNY

Nova versão do UPS, voltada para aplicações industriais, conta com IP42 e acesso frontal.

A

Schneider Electric apresenta ao mercado a nova versão do nobreak Trunny. Indicado para aplicações industriais, devido à sua robustez e maior nível de segurança, o equipamento agora conta com grau de proteção IP42 e acesso 100% frontal, facilitando a instalação e manutenção. Com o aumento do IP, o UPS passa a ter uma maior proteção contra sólidos e líquidos, podendo ser instalado em ambientes mais agressivos. Além disso, a atualização do Trunny permite diversas customizações, como diferentes tensões, adaptando o produto às necessidades de cada cliente (220, 380 ou até 480 volts).

Ficha Técnica • Trifásico (Entrada) – Monofásico (Saída) • Potência de 7,5 a 20kVA • Tensão 220V/380V (Entrada) 120/220V (Saída) *outras sob consulta • Gerenciamento SNMP • Grau de proteção IP42 • Acesso 100% Frontal • Confiabilidade total com operação Hot Stand-by • Transformador isolador interno na saída e opcional no bypass

MAIS INFORMAÇÕES

“Para o setor industrial é importante contar com um nobreak como o Trunny IP42, pois ele garante confiabilidade nos processos e traz flexibilidade e segurança, estando realmente adaptado às necessidades do local de instalação”, afirma Antonio Porto, engenheiro de marketing de produto de ITD na Schneider Electric.

Com entrada trifásica e saída monofásica, o equipamento garante o equilíbrio das cargas e ainda suporta variações de até -25% na tensão de entrada. Toda a linha Trunny conta com o gerenciamento remoto via RS-232 ou TCP/IP. Além de aplicações industriais, o UPS também pode ser utilizado no segmento comercial, farmacêutico e em outros de médio a grande porte, garantindo o fornecimento de energia elétrica confiável.

www.schneider-electric.com.br/pt/

12 | Automação | Junho 2018

31


N OT Í C I A

NORD DRIVESYSTEMS NA FISPAL TECNOLOGIA 2018

O tratamento superficial inovador nsd tupH da NORD DRIVESYSTEMS deixa os acionamentos de alumínio com resistência à corrosão similar à das versões em aço inoxidável.

Soluções em acionamentos para a indústria alimentícia e de bebidas.

D

MAIS INFORMAÇÕES

e 26 a 29 de junho acontece em São Paulo a 34ª FISPAL Tecnologia, a maior feira da indústria alimentícia e de bebidas da América Latina. A NORD DRIVESYSTEMS também está presente e expondo tecnologia em acionamentos otimizados para cada ramo e aplicação, conceitos para otimização do custo total (TCO Total Cost of Ownership), bem como soluções econômicas em energia, como os motores lisos com eficiência IE4. A apresentação da feira deste ano foca no tratamento superficial resistente à corrosão nsd tupH, bem como nos redutores de engrenagens cônicas helicoidais de dois estágios otimizados para serem laváveis NORDBLOC.1.

nsd tupH – a alternativa ao aço inoxidável Com o tratamento superficial nsd tupH a NORD DRIVESYSTEMS oferece um tratamento resistente à corrosão muito forte para redutores, motores lisos, inversores de frequência e soft-starters em carcaça de alumínio otimizada para ser lavável. Através de um processo especial, a superfície se torna resistente à corrosão e mais dura, fazendo o alumínio ficar com resistência à corrosão semelhante ao aço inoxidável. Vale ressaltar que é um tratamento superficial, não é pintura. Ao contrário das tintas e dos revestimentos, não há possibilidade de descamar ou desfolhar. Eventuais danos permanecem localizados e não se espalham. A superfície permite limpeza fácil e é muito resistente a ácidos e alcalinos. É plenamente possível até mesmo o uso de lavadoras de alta pressão ou o contato com muitos produtos agressivos, sem problemas. Sendo assim, os acionamentos nsd tupH são uma alternativa robusta e de longa vida aos motoredutores pintados ou de aço inoxidável. Diferentemente dos acionamentos de aço inoxidável, os quais a maioria dos fabricantes oferece somente para poucas versões, o tratamento nsd tupH está disponível para todos os produtos de alumínio NORD. Os acionamentos NORD com nsd tupH estão homologados

12 | Automação | Junho 2018

32


NOVIDADE

Os redutores de engrenagens cônicas helicoidais de dois estágios NORDBLOC 1 são ideais para aplicações na indústria alimentícia, graças à versão lavável.

para aplicações na indústria alimentícia conforme FDA Title 21 CFR 175.300. Eles foram testados com sucesso conforme ASTM D714 (formação de bolhas), ASTM D610-08 (corrosão), ASTM D1654-08 conforme DIN EN ISO 2409 (riscos), ASTM B117-09 conforme DIN EN ISO 9227 (teste de névoa salina) e ASTM D3170 (teste de batida de pedra). Além disso, a resistência contra os produtos de limpeza mais usuais da indústria alimentícia foi confirmada em testes.

Você encontra a NORD na FISPAL Tecnologia 2018 no estande C201. www.nord.com

MAIS INFORMAÇÕES

Redutores de engrenagens cônicas helicoidais de dois estágios NORDBLOC.1 A NORD desenvolveu os motoredutores de engrenagens cônicas NORDBLOC.1 de alumínio fundido especialmente para aplicações em higiene crítica na indústria alimentícia. Graças ao projeto otimizado para ser lavável, eles podem ser limpos facilmente em qualquer posição de montagem, evitando amplamente a adesão de sujeira. Seu alto rendimento e baixo peso também os tornam muito eficientes e baixam significativamente os custos operacionais. Os redutores de engrenagens cônicas helicoidais também se caracterizam pelo funcionamento silencioso, alta confiabilidade, elevada rigidez e longa vida útil.

com eixo maciço ou eixo oco, bem como no modelo para encaixe, com pés ou flange. Assim podem ser combinadas de modo flexível com toda a linha de modernos motores NORD. A pedido, os redutores de engrenagens cônicas de alumínio também podem ser fornecidos com o tratamento superficial resistente à corrosão nsd tupH.

Ao todo estão disponíveis seis tamanhos, com potência de motor de 0,12 a 9,2 kW e torques de saída de 50 até 660 Nm. São oferecidos sempre dois modelos: um projeto aberto, especialmente leve e mesmo assim resistente, bem como um projeto fechado. Todas as versões existem 12 | Automação | Junho 2018

33


NOVIDADE

NOVOS ACIONADORES DE ALTA RESISTÊNCIA DA SOUTHCO PERMITEM ACIONAMENTO REMOTO E SIMULTÂNEO DE DOIS FECHOS ROTATIVOS

A Southco expandiu novamente a sua bem-sucedida linha de soluções de fechos rotativos com o lançamento de dois acionadores de alta resistência com maçaneta alavanca larga para travamento multiponto, possibilitando que dois fechos rotativos interligados por cabos sejam acionados remotamente por meio de um único acionador.

O

s acionadores AC-20 e R3-22 da Southco são fabricados com materiais resistentes à corrosão, permitindo o uso em aplicações externas que exigem um desempenho superior. Disponíveis em opções com acabamento cromado ou pintura a pó preta, estes acionadores possuem um design anatômico, com maçaneta reforçada e maior área de empunhadura. Os novos acionadores também oferecem conveniente fechamento por impacto e travamento com chave, para maior segurança.

Os acionadores AC-20 e R3-22 são a solução ideal para portas e painéis que exigem acionamento remoto e simultâneo de vários fechos rotativos. Para abrir um painel de acesso de grandes dimensões em um equipamento fora de estrada, por exemplo, o usuário final poderá acionar dois fechos a partir de um único acionador, facilitando o acesso ao compartimento. Quando combinados com Fechos Rotativos R4 e Cabos AC da Southco, estes acionadores criam um sistema de travamento rotativo completo, fornecendo travamento remoto, seguro e confiável, para aplicações internas e externas.

MAIS INFORMAÇÕES

Cynthia Bart, Gerente Global de Produtos, adiciona: “Com design funcional e construção reforçada, os acionadores AC20 e R3-22 da Southco proporcionam acionamento remoto e simultâneo de múltiplos fechos rotativos, simplificando o acesso em ambientes difíceis”. www.southco.com

12 | Automação | Junho 2018

34


N OT Í C I A

MX 32 RECEBE APROVAÇÃO DA CSA

Oldham, uma empresa pertencente à Divisão de Segurança Individual da 3M, anuncia que o controlador de deteção de gás MX 32 foi certificado pela Canadian Standards Association (CSA - Associação Canadense de Normalização) e apresenta agora a marca de aprovação CSA. O MX 32 foi certificado para utilização em Locais Normais de acordo com as normas C22.2 N.º 0-10, 61010-12 e UL 61010-1 da CSA.

O

MX 32 é um controlador compacto e discreto que monitoriza continuamente vários sensores de deteção de gás.

Este versátil sistema de controle foi desenvolvido para receber e supervisionar até 8 entradas utilizando sensores ponte de Wheatstone mV CC, 4-20 mA CC ou Serial RS-485 Modbus™.

O MX 32 apresenta características exclusivas: visor gráfico, função de votação, medição de gás, registo de dados de eventos, saída RS 485 e alarmes AV integrados. É completamente programável no local utilizando COM 32, um avançado e intuitivo software de programação. https://gasdetection.3m.com

MAIS INFORMAÇÕES

Pode ser personalizado e expandido com base nas necessidades de aplicações individuais utilizando módulos de E/S empilháveis montados em trilhos DIN da Oldham. Os módulos podem ser instalados remotamente para simplificar as instalações elétricas no local e reduzir custos. Os módulos também são abrangidos pela certificação da CSA.

12 | Automação | Junho 2018

35


NOVIDADE

NOVO PRODUTO: UNIDADE DE ENGRENAGENS HELICOIDAIS DE UM ESTÁGIO NORDBLOC.1 A NORD DRIVESYSTEMS ampliou sua série bem-sucedida NORDBLOC.1 com uma unidade de engrenagens de um estágio para aplicações com velocidades e torques elevados.

A nova unidade de engrenagens helicoidais de um estágio NORDBLOC.1 da NORD DRIVESYSTEMS foi especialmente desenvolvida para aplicações com velocidades e torques elevados. A unidade de engrenagens é especialmente robusta, eficiente, silenciosa e compacta.

A

nova unidade de engrenagens helicoidais NORDBLOC.1 oferece eficiência máxima, elevada rigidez torcional, ruído de funcionamento reduzido e uma longa vida útil. Adicionalmente, também respeitam até os mais exigentes requisitos de higiene graças ao seu design lavável. As inovadoras unidades de engrenagens não apresentam juntas de separação nem tampas. Isso aumenta a estabilidade do produto e, simultaneamente, proporciona uma superfície mais suave onde não ocorre acúmulo de materiais líquidos nem sólidos.

MAIS INFORMAÇÕES

A carcaça UNICASE otimizada para FEM garante o máximo de resistência e rigidez. Além de maior rigidez, o design reforçado no interior também garante um funcionamento particularmente silencioso. Todos os rolamentos e bases de juntas ficam dentro da carcaça, eliminando juntas que podem enfraquecer a carcaça e resultar e vazamento de óleo. Os orifícios e faces de montagem são usinados um único passo, permitindo tolerâncias extremamente exatas - garantindo assim um posicionamento correto dos dentes das engrenagens, dos rolamentos e das juntas e uma longa vida útil para todos os componentes. A carcaça é feita de alumínio de alta resistência resistente à corrosão sendo, por isso, especialmente leve e robusta. O tratamento de superfície nsd tupH opcional garante proteção adicional. A carcaça suave e fácil de limpar torna a unidade de engrenagens NORDBLOC.1 particularmente adequada para utilizadores de setores em que a higiene é crítica como as indústrias alimentícias ou farmacêuticas. 12 | Automação | Junho 2018

36

As unidades de engrenagens apresentam dimensões generosas e conseguem suportar grandes forças radiais e axiais. Um benefício particular dos rolamentos de grandes dimensões é o amplo diâmetro dos eixos internos, o que aumenta a resistência dos rolamentos. As rodas dentadas são feitas de aço cementado e permitem sobrecarga elevadas de curto prazo. Os novos produtos NORDBOLOC.1 estão disponíveis em cinco tamanhos com motores com potências de 0,12 a 7,5 kW para torques de saída de até 280 Nm. Todas as variantes são de montagem em flanges (B5 ou B14) ou versões de montagem em bases/flanges. Podem ser implementadas opções para montagem em motores IEC e NEMA, bem como várias variantes de equipamento para eixos, rolamentos e lubrificação. Robusta, eficiente, silenciosa e compacta - com a unidade de engrenagens helicoidais de um estágio NORDBLOC.1, a NORD criou uma solução de acionamento confiável, robusta e econômica para bombas, misturadores e ventiladores, bem como para aplicações em tecnologia de sistemas transportadores. www.nord.com


N OT Í C I A

HMS RECEBE CERTIFICAÇÃO ISO27001 PELO PRODUTO EWON® TALK2M

A HMS Industrial Networks obteve a certificação ISO 27001 pelo produto eWON Talk2M, sua plataforma de conectividade em nuvem premiada. A certificação ISO 27001 é a norma internacional que descreve as melhores práticas para sistemas de gerenciamento da segurança da informação (SGSI).

A

conformidade com a certificação ISO 27001 confirma que a HMS Industrial Networks implementou práticas de segurança da informação abrangentes para proteger seus usuários, suas informações e seus dados em conformidade com normas reconhecidas internacionalmente. A certificação ISO 27001 inclui a infraestrutura, centros de dados e serviços Talk2M. A HMS Industrial Networks foi submetida a uma análise aprofundada por parte de um auditor independente para validar a conformidade com a norma. A segurança sempre foi uma das principais prioridades para a HMS e essa certificação ISO27001 é mais uma evidência da eficácia do programa de segurança da empresa.

“ Te m o s o rg u l h o e m s e r m o s re c o n h e c i d o s internacionalmente como empresa líder em soluções de segurança da informação e melhores práticas para a Internet das Coisas Industrial (IdCI). Com a ISO 27001 e outras certificações, continuamos garantindo que nossos controles e práticas de segurança respeitam normas de segurança reconhecidas internacionalmente”, declara Geoffrey Gobert, gestor de segurança da eWON Talk2M, afirmando ainda que “A segurança dos dados é crítica quando se lida com IdCI e essa certificação ISO fornece aos nossos usuários o nível mais elevado de proteção para suas informações mais sensíveis”.

MAIS INFORMAÇÕES

Em termos organizacionais, a HMS Industrial Networks garante o nível mais elevado de atenção a questões de segurança e conformidade, dedicando pessoal ao monitoramento e prevenção contínuos de ameaças de segurança, bem como ao gerenciamento de políticas rigorosas através de encaminhamento e respostas rápidas. www.ewon.biz/security

12 | Automação | Junho 2018

37


NOVIDADE

NÍVEIS EXCECIONAIS DE EFICIÊNCIA, CONFORTO E DESEMPENHO PARA SISTEMAS DE AR CONDICIONADO COMERCIAIS DE PEQUENAS DIMENSÕES

Controle remoto para ligação por cabo RAV VRF_Lite Vision_ RBC-AMS55E-ES/EN da Toshiba.

Unidade Cassete 4 vias para interior (4-Way Smart Cassette) da Toshiba.

A Toshiba lança a unidade Bomba de Calor Inverter com R32 Super Digital Inverter para exterior com classificação energética A+++

A

MAIS INFORMAÇÕES

Versão Super Digital Inverter (SDI) de nova geração da Toshiba apresenta a classificação energética A+++ para sistemas de ar condicionado comerciais de pequenas dimensões. Com o fluido refrigerante R32 de baixo potencial de aquecimento global (PAG), a unidade de fabricação japonesa apresenta um chassi com um design completamente novo que inclui um permutador de calor de elevada eficiência e um ventilador com motor CC exclusivo. Estas melhorias são combinadas com o avançado compressor rotativo duplo CC e com a avançada tecnologia Inverter controlada por tecnologia da Toshiba para oferecer sempre níveis excecionais de eficiência e conforto com temperaturas exteriores entre -27 °C e +52 °C. Com um rácio sazonal de eficiência energética e um coeficiente de desempenho sazonal líderes no setor e um impressionante retorno sobre o investimento, o novo SDI está disponível na configuração monofásica com 2, 3, 4 e 5 CV de potência. A unidade pode ser facilmente adaptada a diversas instalações, podendo ser complementada com uma nova unidade Cassete 4-Vias (Smart Cassette) para interior e com um novo controle remoto que, quando usados em conjunto, oferecem funcionalidades inovadoras como monitorização do consumo de energia.

12 | Automação | Junho 2018

38

O SDI da Toshiba é o novo modelo da gama de elevada eficiência para lojas, escritórios e restaurantes de pequenas dimensões baseado em unidades para exterior da geração anterior, elevando a fasquia com classificações de rácio sazonal de eficiência energética até 9,40 e de coeficiente de desempenho sazonal até 5,51 para a unidade de 3 CV. Para conseguir este elevado nível de eficiência, a Toshiba utiliza o Inverter da última geração para controlar com exatidão todos os parâmetros e permitir uma regulação suave em quaisquer condições sem desperdiçar energia. O consumo de energia em standby foi reduzido em 50%, o que também contribui para a elevada eficiência do sistema. Com capacidade para funcionar com uma capacidade tão reduzida como 10%, os utilizadores podem contar com poupanças consideráveis em meias estações menos rigorosas, quando não é necessário utilizar o aquecimento ou arrefecimento na capacidade máxima. A Toshiba estima que os sistemas de ar condicionado apenas têm que funcionar na capacidade máxima durante 5% do tempo de funcionamento, enquanto a sua utilização com o funcionamento na capacidade parcial é bastante mais frequente. Adicionalmente, com controle inteligente evitando o ligar e desligar não consumindo mais energia


NOVIDADE

juntas cónicas com certificação ISO 14903 da Toshiba sejam utilizadas em espaços interiores muito em breve.

Variação digital Super Digital Inverter R32 da Toshiba_ Unidade para exterior_Modelos de 4 e 5 CV Variação digital Super Digital Inverter R32 da Toshiba_ Unidade para exterior_Modelo de 3 CV Bomba de Calor Inverter Super Digital Inverter R32 da Toshiba_Unidade para exterior_Modelo de 2 CV

permite disponibilizar aquecimento e arrefecimento eficientes suaves com a máxima precisão, com o ventilador a funcionar a velocidades moderadas, o SDI consome muito menos energia - para um retorno sobre o investimento geral que supera em grande escala produtos semelhantes com preços inferiores e que desperdiçam energia.

A Toshiba também lançou o seu novo produto Cassete 4 vias (4-Way Smart Cassette) que inclui as funcionalidades avançadas do SDI e oferece um funcionamento melhorado e ainda maior eficiência e conforto que beneficiarão enormemente instalações comerciais e de retalho. As suas muitas novas características de design incluem um ventilador com motor CC otimizado em termos de eficiência, aberturas maiores com um novo formato tipo bandeira e um permutador de calor com um design melhorado que contribuem para as classificações de rácio sazonal de eficiência energética e coeficiente de desempenho sazonal com o SDI. Com quatro modelos compatíveis com o SDI, a capacidade de aquecimento é de 14 kW e de arrefecimento é de 12,5 kW para a unidade de maiores dimensões (em combinação com a unidade SDI para exterior de 5 CV). O módulo permutador de calor possui uma “Serpentina mágica” que impede a aderência de sujidade e óleo na sua superfície e uma função de autolimpeza acumulação de poeira e bolor ao longo do tempo. O design plano e a estética elegante do aparelho complementarão qualquer estilo de decoração. O controle individual e direcional das aberturas de ventilação e um sensor de ocupação opcional ajudam a otimizar a difusão de ar e a reduzir o desperdício de energia. O novo controle remoto para o SDI foi atualizado para uma utilização ideal, permitindo que instaladores e utilizadores consigam melhores níveis de desempenho, minimizem o desperdício de energia e monitorizem a fiabilidade dos sistemas. Além de definições flexíveis de data, hora e conforto em várias línguas, o controlador também tem a capacidade de rastrear e comparar consumos de energia por dia ou por mês e possui uma função de manutenção preditiva de primeiro nível para detecção de fugas.

MAIS INFORMAÇÕES

A Toshiba desenvolve com sucesso no Japão sistemas com o fluido refrigerante R32 desde 2014. Isso significa tecnologia comprovada para a nova unidade para exterior. Com requisitos operacionais, de segurança e de equipamento semelhantes aos do R410A, mas com até 14% de redução na carga de fluido refrigerante, o SDI oferece uma redução de 70% nas emissões de CO2 equivalentes. Graças ao PAG consideravelmente reduzido, a unidade ecológica para exterior constitui uma oferta significativamente melhorada para os clientes e, para os instaladores, não implica mudanças para a colocação em funcionamento. O SDI pode igualmente ser utilizado para novas instalações, como parte de atualizações ecológicas e de eficiência energética ou para substituições completas económicas de sistemas de ar condicionado antigos e desatualizados (tubos R22, R407C e R410A antigos podem ser reutilizados). Para o máximo de flexibilidade de instalação, as unidades para interior são compatíveis com o fluido refrigerante R32 e também com o R410A. Enquanto o R32 é atualmente proibido com ligações cónicas dentro de edifícios, a tão esperada introdução da edição 5 do regulamento IEC 60335-2-40 permitirá que as

O âmbito e flexibilidade de instalação também são mais simplificados com a capacidade do SDI para configurações simples ou duplas divididas com aparelhos de 4 vias para interior, aparelhos para instalação em tetos e em paredes altas e aparelhos de ligação a rede de condutas ocultas. Com um par de tubos e com um generoso comprimento de 75 metros e uma altura de instalação de até 30 metros, o SDI adapta-se verdadeiramente a todos os tipos de exigências de projetos para garantir o conforto e uma eficiência ideal na circulação de ar.

12 | Automação | Junho 2018

39


NOVIDADE

TECNOLOGIA DE FREIO 4.0

A mayr® power transmission como principal fabricante já oferece freios de segurança confiáveis, equipados para os desafios da quarta revolução industrial. Imagem: mayr® power transmission

Monitorando e controlando freios inteligentemente usando os novos módulos da mayr® power transmission.

M

ódulos de monitoramento de última geração, sistema de fricção líder tecnologicamente e princípios de segurança consistentemente observados – os freios de segurança da mayr® power transmission estão equipados para os desafios da Indústria 4.0. O sistema completo perfeitamente coordenado garante o nível máximo de segurança operacional e funcional e aumenta a produtividade de máquinas e sistemas, através da detecção preventiva de falhas e manutenção. A mayr® power transmission apresenta sua tecnologia de freio 4.0 na Feira de Hanover 2018.

MAIS INFORMAÇÕES

Com a Indústria 4.0, a Internet das Coisas e Serviços entra nas empresas. É por isso que a mayr® power transmission como principal fabricante já oferece freios de segurança confiáveis, equipados para os desafios da quarta revolução industrial. A tecnologia de freio 4.0 significa módulos de monitoramento inteligentes, pelos quais a mayr® power transmission estabelece novos padrões. Os módulos como o ROBA®-brake-checker e o ROBA®-torqcontrol controlam freios de segurança de maneira fácil e rápida, ou facilitam a desaceleração uniforme e suave de máquinas e dispositivos. 12 | Automação | Junho 2018

40

Monitoramento de freio permanente e manutenção preditiva O módulo ROBA®-brake-checker opera sem sensores. Em vez disso, analisa corrente e tensão e reconhece o movimento do disco de armação. Assim conhece a condição do freio. Além da condição de comutação, o módulo também pode deduzir a temperatura, a trajetória de desgaste e tensão ou a reserva de força de tração, ou seja, se o imã ainda tem força suficiente para atrair o disco de armação. Usando o novo módulo, um número significativamente maior de processos pode ser descrito durante o monitoramento dos freios de segurança do que era anteriormente. Ao atingir a reserva de força de tração, o ROBA®-brake-checker envia um sinal de alerta, com antecedência suficiente para que um tempo de operação definido do freio ainda seja possível. Dentro desse tempo, o operador da máquina pode realizar uma manutenção específica em coordenação com o seu processo de trabalho - manutenção preditiva, por assim dizer. O ROBA®-brake-checker está agora disponível em um design para tensão AC. Além disso, outra versão do módulo também assumirá no futuro o suprimento do freio e, como resultado, substituirá o retificador. O monitoramento da


NOVIDADE

A tecnologia de freio 4.0 da mayr® power transmission significa módulos de monitoramento de última geração: os módulos como o ROBA®-brake-checker ou o ROBA®torqcontrol permitem o monitoramento permanente do freio e tornam os freios de segurança adequados aos desafios da indústria. 4.0. Imagem: mayr® power transmission

O módulo de controle de freio ROBA®-SBCplus realiza um monitoramento confiável do tempo de comutação. É certificado pela TÜV Süd e pode ser usado até o mais alto nível de desempenho PLe e Safety Integrity Level (SIL) 3. Imagem: mayr® power transmission

condição de comutação e o controle do freio são, portanto, combinados em um único dispositivo. Movimentos suaves de frenagem e de forma controlada Para aplicações que exigem controle de torque de freio além de monitoramento de status, a mayr® power transmission fornece o módulo de controle de torque de frenagem ROBA®-torqcontrol. Ele compartilha as características do ROBA®-brake-checker e também pode alterar o nível do torque de frenagem em operação através de influência deliberada de corrente e tensão. Como resultado, dispositivos e máquinas podem ser uniformemente e suavemente desacelerados. O módulo ROBA®-torqcontrol permite o desenvolvimento de malhas de controle e movimentos de freios inteligentemente – a base ideal para o seu uso em máquinas inteligentes interligadas.

sem desgaste e, como resultado, alcança frequência e confiabilidade de comutação praticamente ilimitadas. Este módulo de controle do freio realiza um monitoramento confiável do tempo de comutação. Além disso, uma verificação de plausibilidade integrada é realizada através da avaliação da liberação dos sinais de monitoramento. As avaliações dos estados de comutação e o sinal de retorno permitem, portanto, diagnósticos de erros confiáveis. Isto possibilita que erros de deslizamento, os quais influenciam nos tempos de comutação, por exemplo, aumentando o desgaste, serem detectados no devido tempo. A confiável unidade de controle de freio ROBA®-SBCplus é certificada pelo TÜV Süd (Inspetoria Técnica do Sul da Alemanha) e pode ser usada até o mais alto nível de desempenho PLe e Safety Integrity Level (SIL) 3. www.mayr.com

MAIS INFORMAÇÕES

Controle de freio confiável Outro módulo para monitorar continuamente a condição de comutação dos freios é o controle seguro de freio ROBA®SBCplus. Neste módulo, a mayr® power transmission oferece freios de segurança e controle seguro do freio em um pacote completo. Este módulo foi desenvolvido em colaboração com a empresa Pilz, especialmente para aplicações que têm que cumprir os requisitos para a proteção de pessoas de acordo com as normas de segurança funcional. O módulo ROBA®-SBCplus deve interromper confiavelmente a corrente na bobina magnética quando o freio é desligado. Para este propósito, o módulo opera com semicondutores eletrônicos 12 | Automação | Junho 2018

41


NOVIDADE

SEGURO BEM COMO EFICIENTE

Em 2017 a Iscar e a Ingersoll receberam a licença para ferramentas de corte. Em função da grande oferta de fabricantes de ferramentas, o Safe-Lock ™ tornou-se um padrão para muitas indústrias. Foto: Haimer

O sistema de proteção contra desencaixe HAIMER Safe-Lock ™ está se tornando padrão para as indústrias.

O

sistema de proteção contra desencaixe HAIMER Safe-Lock garante o aperto seguro da ferramenta de corte. Os pinos de travamento especiais no suporte da ferramenta combinam perfeitamente as ranhuras em forma em espiral na haste da ferramenta de corte, criando assim forças de aperto de fricção e um ajuste de forma de bloqueio positivo. Isso efetivamente impede a ferramenta de corte de escapar do porta-ferramentas. Além disso, aumenta a produtividade através do aumento das velocidades e da maior vida útil das ferramentas.

MAIS INFORMAÇÕES

Até agora, o Safe-Lock™ tornou-se um padrão de fato na área de utilização de ferramentas para operações de usinagem. Nos últimos dez anos, desde a introdução do sistema Safe-Lock™, está sendo confirmado mais e mais que este método de fixação da ferramenta é claramente superior aos mandris de usinagem convencionais e mandris Weldon. Isso é comprovado por um grande número de parceiros que utilizam as licença de uso, alguns dos quais se classificam entre os principais fabricantes de ferramentas de corte e porta-ferramentas do mundo - por exemplo, Walter, Widia, Sandvik Coromant, Seco Tools, Sumitomo, Kennametal, Helical, Emuge Franken, Data Flute, Niagara, OSG e Mapal. Em 2017, a Iscar e a Ingersoll também decidiram oferecer 12 | Automação | Junho 2018

42

ferramentas com a haste Safe-Lock™. Além disso, o portfólio de porta-ferramentas por indução térmica, hidráulico e porta pinça com Safe-Lock™ tornou-se muito maior nos últimos anos. Além dos mandris hidráulicos com Safe-Lock™ da Kennametal, a Mapal já está trabalhando para apresentar para o mercado sua oferta de mandril hidráulico com o SafeLock™. Andreas Haimer, gerente-diretor da HAIMER GmbH, explica: “Estamos orgulhosos que o nosso sistema de proteção contra desencaixe Safe-Lock™ tenha se estabelecido como o novo padrão na indústria de usinagem pesada e sólida e também está se tornando cada vez mais importante em outras áreas como usinagem trocoidal. Também estamos muito felizes com nossos novos parceiros de licença de uso, que ajudam a expandir o portfólio do Safe-Lock™ e também disponibilizá-lo para mais consumidores finais”. Sucesso na indústria aeroespacial O Safe-Lock™ emergiu das exigências da usinagem pesada, que é um desafio diário nas indústrias aeroespacial e de produção de energia. Materiais inovadores, como várias ligas de titânio, não são apenas leves, mas também muito rígidos, resistentes à corrosão e difíceis de usinar. Isso não


NOVIDADE

MTU Aero Engines gerencia aplicações de desbaste desafiadoras para o motor turbopropulsor militar TP400-D6 com o HAIMER Safe-Lock. A MTU é responsável pelo compressor de pressão intermediária TP400-D6, turbina de pressão intermediária e eixo de pressão intermediária e tem uma participação na unidade de controle do motor. Além disso, a montagem final de todos os motores de produção TP400-D6 ocorre em MTU Aero Engines em Munique. Foto: MTU Aero Engines

afeta apenas os conceitos e processos da máquina, mas também as ferramentas de corte e os porta-ferramentas que estão sendo usados.

Como resultado, o Safe-Lock™ agora está sendo utilizado pela maioria das indústrias aeroespacial. Alexander Steurer, gerente sênior NC - Programação de componentes do estator na MTU Aero Engines em Munique, explica a decisão de usar o sistema HAIMER: “Através da introdução do SafeLock™ e da tecnologia de indução térmica da HAIMER, podemos garantir a confiabilidade do processo mesmo com a fresagem de materiais desafiadores em alta temperatura. Este é um pré-requisito para garantir o processamento suave durante a fabricação de moldes e fundições, dado

Maior Produtividade com Safe-Lock™ No entanto, o Safe-Lock™ não encontrou seguidores entusiasmados somente na indústria aeroespacial. Trabalhando na Glätzer, Daniel Rautenbach sabe quão ferozmente competitiva a indústria automotiva pode ser. O Gerente Diretor dos Especialistas em Usinagem CNC localizado em Solingen explica: “Qualidade perfeita e confiabilidade de entrega são os requisitos básicos para mencionar em nosso setor. O preço é altamente competitivo.” Portanto, em seus negócios, a diferença entre lucro e perda

MAIS INFORMAÇÕES

Muitas peças de trabalho são feitas de um bloco sólido durante este processo de usinagem até 90% do material está sendo removido. Para otimizar o processo de forma econômica e qualitativa, e para obter uma alta taxa de remoção de metal, escolhem-se altos torque e avanços com RPMs baixos. Mas durante esta operação de corte de alto desempenho (HPC), ocorrem fortes forças de tração. Em combinação com altas forças de corte e taxas de avanço agressivas, é criado um movimento de flexão da ferramenta no mandril que, no final, aumenta o risco de desencaixe da ferramenta. Isso afeta especialmente todos os projetos de suporte de ferramenta que fornecem um aperto preciso e uma alta precisão de saída, como, por exemplo, mandril por indução térmica, hidráulicos ou de fresagem.

nosso alto grau de automação.” A combinação de proteção contra desencaixe e a maior concentricidade do sistema Safe-Lock™ gera poucas vibrações e, como resultado, um processo de usinagem muito estável. Devido ao aumento das profundidades de corte e alimentação, a taxa de remoção de metal pode ser aumentada significativamente. E graças à melhor precisão de desvio dos mandris de indução térmica HAIMER, a vida útil da ferramenta é melhorada em até 50%.Os benefícios de uma precisão menor de 3 μm, que o design simétrico Safe-Lock™ oferece, combinado com o balanceamento ideal e a possibilidade de um pré-ajuste fácil do comprimento, foram motivos importantes para que MTU mudasse para o sistema HAIMER em vez de continuar usando sistemas de ferramentas Whistle Notch ou Weldon. Embora esses outros sistemas, de fato, evitem o desencaixe da ferramenta, ambos possuem design assimétricos, proporcionando, portanto, falhas de precisão e condições de balanceamento insuficientes.

12 | Automação | Junho 2018

43


NOVIDADE

A fresagem Trochoidal torna a operação de fresagem três vezes mais rápida e profunda, mesmo em materiais duros como aço inoxidável ou titânio. As ferramentas ideais para a usinagem são Power Mill end mills da HAIMER com mandril Safe-Lock™. Foto: Haimer

O CEO da Glätzer, Daniel Rautenbach (à direita) e o Gerente Ingo Schulten, estão ampliando continuamente o uso da tecnologia de indução térmica HAIMER, com e sem Safe-Lock ™: “Para nós, a mudança para o Safe-Lock ™ pareceu óbvio, como usar uma partida elétrica em vez de uma manivela para ligar um carro.” Foto: Haimer

Benefícios do corte a alta velocidade O Safe-Lock™ também está se tornando cada vez mais popular em outras indústrias e durante a usinagem HSC com usinagem final em hélice alta, bem como na fresagem trocoidal. Durante as operações de fresagem trocoidal, onde a velocidade de corte e a profundidade axial de corte podem ser aumentadas através do suporte do software, a produtividade é significativamente melhorada. Assim, as operações de fresamento são realizadas três vezes mais rapidamente, com profundidades aumentadas, mesmo quando se trata de materiais fortes e difíceis de usinar.

se resume em eficiência do processo. Por isso, a qualidade sem compromisso é uma obrigação.

MAIS INFORMAÇÕES

Através de um dos maiores projetos nesta área, Ingo Schulten, Gerente de Operação, tomou conhecimento do sistema de proteção de desencaixe HAIMER Safe-Lock™ e começou a usá-lo em meados de 2013. A aplicação específica era uma parte para um disco de freio de caminhão operado pneumaticamente que consistiu em ferro fundido esferoidal-grafite, tipo EN-GJS-800-2. Para moldar contornos côncavos, o contato entre a ferramenta de corte e a peça de trabalho não é apenas pontual, mas na verdade cobre entre 30 ou 40 % da ferramenta. Ingo Schulten explica: “O engajamento e as forças de corte extremamente altas fazem com que a ferramenta deseje sair do suporte”. O mandril Weldon utilizado garantiu que a ferramenta de corte permanecesse no suporte, mas o parafuso de bloqueio lateral impediu a ferramenta de alcançar uma boa precisão de concentricidade. De acordo com Schulten, “a vida útil da ferramenta foi muito instável, o que até levou a quebra de ferramentas”. Os testes de fresagem com Safe-Lock™ convenceu a ele e aos outros funcionários da Glätzer. “Para mim, a mudança para o Safe-Lock™ parecia óbvia, como usar uma partida elétrica em vez de uma manivela para ligar um carro” explicou Schulten com entusiasmo”. Os dados de corte melhoraram significativamente. A vida útil aumentou em 40% de forma consistente”. 12 | Automação | Junho 2018

44

No entanto, isso também aumenta o perigo de retirar a ferramenta. Mesmo que apenas uma lasca fina seja geralmente removida durante operações de fresagem trocoidal, muitas vezes o comprimento total da borda da ferramenta de corte é usado durante o processo. Isso resulta em forças axiais superiores que forçam o operador a prestar atenção ao aperto seguro da ferramenta de corte. Uma ferramenta fixada com Safe-Lock™ é a solução ideal, pois oferece mais segurança do que o sistema Weldon, é mais fácil de instalar e pode ser apertado de forma muito precisa. As características ideais de balanceamento e rotação da tecnologia de indução térmica em combinação com a segurança da fixação do sistema Safe-Lock™ permitem a maior produtividade alcançada através de velocidades mais rápidas e maior vida útil da ferramenta com segurança completa da ferramenta. www.haimer.biz

Fixação de ferramentas segura e eficiente O princípio Safe-Lock ™ pode ser explicado da seguinte forma: os sulcos em forma de espiral são feitos na haste da ferramenta de corte, que têm a mesma direção do ângulo de corte da ferramenta. Em combinação com os pinos de fixação EDM no suporte da ferramenta (mandris térmicos, mandris porta pinça ou mandris hidráulicos), os sulcos evitam que a ferramenta de corte gire ou seja puxada para fora do mandril durante a usinagem extrema, o que causa custos muito altos quando são produzidas peças de trabalho caras. A combinação de proteção de desencaixe e alta precisão da rotação leva a menos vibrações e taxas de remoção de metal muito eficientes. Com isso, é possível aumentar significativamente as taxas de remoção de metal aumentando a profundidade de corte e avanços. Além disso, o desgaste da ferramenta será reduzido.


NOVIDADE

SECO MACHINING NAVIGATOR INTERATIVO FACILITA O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS

A Seco Tools lançou um novo PDF com páginas inteligentes e interativas para o Machining Navigator, dando aos usuários o poder de acessar rapidamente informações e suporte sobre produtos adicionais ao que está disponível no catálogo de produtos tradicional, bem como solicitar produtos.

C

om a interatividade inteligente, as páginas do Machining Navigator são parecidas com as do PDF interativo ou flipbook convencionais, mas oferecem várias funcionalidades úteis. Os usuários podem acessar rapidamente a página do catálogo para encontrar uma linha de produtos específica, clicando no nome do produto desde a lista nas páginas do índice. Ao invés de pesquisar em vários catálogos, brochuras e sites, os usuários podem acessar diretamente a página interativa do catálogo com apenas alguns cliques para obter informações detalhadas e links úteis.

A funcionalidade interativa da Seco também permite que os usuários criem o seu próprio flipbook, selecionando páginas para compor um “resumo” personalizado de produtos. Este flipbook pode ser enviado por e-mail, impresso ou baixado para futuras consultas. www.secotools.com

MAIS INFORMAÇÕES

As páginas PDF do Machining Navigator possuem links para o site secotools.com, onde é possível encontrar uma apresentação mais detalhada de cada produto Seco, além de suporte que ajudará usuários a localizar e solicitar a melhor ferramenta para atender a uma necessidade específica.

12 | Automação | Junho 2018

45


N OT Í C I A

NORD DRIVESYSTEMS NA FEIRA DE HANNOVER DE 2018

Essa unidade LogiDrive consiste em um acionamento de engrenagens cônicas de dois estágios, um motor síncrono IE4 e um distribuidor de campo NORDAC LINK.

Acionamentos conectados para a produção do futuro.

D

MAIS INFORMAÇÕES

e 23 a 27 de abril, a NORD DRIVESYSTEMS esteve apresentando suas inovadoras soluções em acionamentos para fábricas digitais do futuro na Feira de Hannover de 2018. Essas inovações incluíram distribuidores de campo descentralizados NORDAC LINK, acionamentos inteligentes com links para a Nuvem para manutenção preditiva e ainda LogiDrive - a solução em acionamentos eficientes para a intralogística que oferece uma redução do número de versões. Um módulo de interface PROFIsafe garante um maior grau de segurança na produção.

12 | Automação | Junho 2018

46

A Feira de Hannover é a mais importante exposição industrial do mundo. Esse ano, sob o lema “Get new technology first” (Obtenha nova tecnologia primeiro), mais de 5000 expositores apresentaram suas inovações, incluindo o fabricante de acionamentos do norte da Alemanha NORD DRIVESYSTEMS, que apresentou suas soluções inteligentes no Salão 15, Estande H31. A empresa também apresentou suas tecnologias mais recentes para a indústria da intralogística no Salão 21, Estande C33, da exposição CeMAT. Os componentes em exposição incluíram o distribuidor de campo série NORDAC LINK para aplicações em sistemas de intralogística modernos e conectados em rede. Esse controle de acionamentos para instalação flexível junto ao motor está disponível com inversor de frequência (até 7,5 kW) ou com soft starter (até 3 kW) e permite comissionamentos rápidos, bem como operação e manutenção simples. Graças a um CLP integrado e à compatibilidade com todos os sistemas bus comuns, o distribuidor de campo de configuração livre pode ser facilmente integrado em todos os sistemas de automação modernos.


NOVIDADE A série de distribuidores de campo NORDAC LINK para instalação flexível junto do motor está disponível com inversor de frequência ou com soft starter.

Com o módulo de interface SK TU4-PNS PROFIsafe, a NORD oferece ainda mais segurança.

As unidades de acionamento conectadas em rede da NORD comunicam dados relativos a seus status através do sistema de controle ou diretamente para uma comunicação segura na Nuvem. Entre outras coisas, isso permite realizar manutenção preditiva - desde acionamentos de sistemas de transporte até redutores industriais. O registro dos dados de desempenho também permite o dimensionamento ideal do sistema, além do monitoramento contínuo da condição dos acionamentos. Com isso, a NORD fornece tecnologia de acionamento inteligente para uma produção digitalizada na Indústria 4.0. Com o exemplo de uma aplicação com o uso de redutores industriais, a empresa demonstra possíveis soluções em manutenção preditiva, especialmente para esse grupo de produtos.

o módulo de interface SK TU4-PNS PROFIsafe, a NORD oferece ainda mais segurança. O módulo opcional satisfaz os requisitos de segurança mais exigentes, permite a integração fácil de vários componentes de segurança e garante uma comunicação segura em ambientes PROFINET. www.nord.com

MAIS INFORMAÇÕES

Além de conexão em rede inteligente em tecnologia de acionamento, e particularmente em intralogística, são também frequentemente necessárias soluções econômicas especiais que podem, por exemplo, permitir economias graças ao número reduzido de versões. Com seus sistemas LogiDrive, a NORD disponibiliza tecnologia pronta, eficiente e de fácil manutenção. Isso consiste em versões padronizadas com motores IE4 com potências de até 5,5 kW, uma unidade de engrenagens cônicas helicoidais de dois estágios e um inversor de frequência - uma combinação que garante a otimização de processos e custos. Outro elemento importante na produção moderna é a segurança funcional das fábricas e das máquinas. Com 12 | Automação | Junho 2018

47


N OT Í C I A

ESTERLINE CONNECTION TECHNOLOGIES - SOURIAU TEM SIDO UM NOME RECONHECIDO NA INDÚSTRIA NUCLEAR POR VÁRIAS DÉCADAS

Muitas indústrias exigem conectores para interconectar os sistemas elétricos e eletrônicos que são vitais para controlar seus processos e garantir a segurança do equipamento. A indústria nuclear não é uma exceção disso. Graças aos seus muitos anos de colaboração com os líderes da indústria, a SOURIAU possui uma vasta experiência em atender aos requisitos dos ambientes nucleares.

MAIS INFORMAÇÕES

Nuclear - um termo comum para ambientes especiais É fácil entender que as condições de operação para equipamentos utilizados em uma usina nuclear (Nuclear Power Plant - NPP) por si só e as operações envolvidas no ciclo do combustível nuclear não são as mesmas. Os conectores utilizados dentro de um reator nuclear são apenas desconectados e reconectados durante interrupções de manutenção e devem garantir conexões estanques em períodos de 40 a 60 anos.

Os conectores utilizados no ciclo do combustível, no entanto, são frequentemente desconectados e reconectados e as condições ambientais severas significam que devem ser robustos e fáceis de manusear. Os três níveis de qualificação K1, K2 e K3 específicos para ambientes NPP permitem cumprir os requisitos de segurança em várias áreas de uso. Conectores que resistem a quaisquer condições severas Os padrões atuais que se aplicam às NPPs incluem ISO 9001 e RCC-E (Regras de projeto e construção para equipamentos elétricos de ilhas nucleares). A RCC-E é específica para a indústria nuclear. Publicada pelas autoridades francesas, contém mais de 400 páginas de regras sobre projeto, fabricação, materiais, qualificações e testes de componentes e equipamentos. O outro padrão principal é publicado pela IEEE Standards Association e é semelhante ao RCC-E. A China está atualmente elaborando um protocolo baseado nesses dois padrões. Ao longo dos anos, os conectores de bloqueio de parafusos qualificados pela SOURIAU 8NA K1 foram modificados para

12 | Automação | Junho 2018

48


NOVIDADE a estes quatro requisitos. Eles vêm em quatro tamanhos de invólucros e 45 layouts que acomodam contatos coaxiais, de energia e de sinal. Por design, eles são mais volumosos e apresentam invólucros mais longos e garfos pré-guia para facilitar o manuseio através de manipuladores e capelas de luvas. Esta família de conectores também possui passagens de antepara seladas para conexões entre o interior da contenção e o ambiente externo. SOURIAU Paris-Est - um centro de excelência para conectores de grau nuclear A unidade Paris-Est da SOURIAU em Marolles-en-Brie ocupa uma posição especial nas operações industriais da empresa. É aqui onde os produtos que atendem a mercados específicos como a indústria nuclear são projetados e fabricados. Os engenheiros da planta Paris-Est trabalham em estreita colaboração com institutos de pesquisa e compradoreschave. Os processos de fabricação são rigorosos e altamente codificados. Por exemplo, um operador atribuído com a produção de um lote de conectores faz um compromisso oral através de um processo que resume as várias inspeções necessárias durante o processo de fabricação.

atender aos requisitos da European Pressurized Reactors (EPR) e agora possuem invólucros e recipientes equipados com blindagens eletromagnéticas de aço inoxidável. Estes conectores vêm em dois tamanhos de invólucro e acomodam contatos de 16 e 20-gauge em layouts de pinos de 3 a 24 contatos. O arranjo mais comumente usado para conectar sensores e instrumentação dentro de NPPs consiste de doze contatos 20-gauge. A série 8NA é RCC-E K1 qualificada, o que significa que passou por uma série de testes, dos quais os mais importantes incluem a simulação da vida útil de uma NPP (40 anos), resistência à radiação, simulação de um terremoto e acidente, resistência a vibrações, e resistência a pressões muito altas. Estes testes severos são conduzidos por um laboratório independente durante um período de um ano e são então validados por especialistas da EDF (fornecedor de eletricidade da França).

Axel Paré, gerente de produtos para conectores de grau nuclear, diz: “A experiência da SOURIAU na indústria nuclear torna-a um dos poucos fabricantes do mundo capaz de oferecer soluções de interconexão de grau nuclear. Nós estabelecemos uma forte presença no mercado na Europa e nos EUA. A China representa um enorme potencial de crescimento e estamos trabalhando para conseguir isso no nosso escritório em Xangai. Mais de 6.000 conectores K1, K2 e K3 são produzidos na unidade Marolles-en-Brie a cada ano. A energia nuclear é um mercado de longo prazo que requer uma capacidade de antecipar tendências e um nível de consistência. No caso de nossos novos produtos, trabalhamos com institutos de pesquisa como a CEA e acabamos de receber a qualificação da EDF para cabos de fiação de meio conector. Também estamos investigando a possibilidade de integrar a fibra óptica em nossos conectores. Embora o setor nuclear represente apenas 5% do volume de negócios da SOURIAU, é um modelo em termos de projeto e métodos de fabricação, rigor e qualidade que tem beneficiado todo o grupo inteiro”. www.esterline-connection-technologies.com

MAIS INFORMAÇÕES

Ciclo de combustível, células quentes e capelas de luvas As condições dentro das células quentes são severas: os níveis de radiação e temperatura são altos e os produtos químicos estão sempre presentes. Na maioria dos casos, os operadores devem usar manipuladores remotos ou capelas de luvas seladas para lidar com equipamentos e objetos. Embora os conectores dentro de células quentes e capelas de luvas não estejam sujeitos às mesmas condições que os reatores internos, eles são frequentemente acoplados e destacados. Eles devem, portanto, ser fáceis de manusear, duradouros, confiáveis e resistentes a radiações e produtos químicos. Os conectores push-pull ULC da SOURIAU atendem 12 | Automação | Junho 2018

49


NOVIDADE

TRANSDUTORES PERMITEM MEDIDA DE VALOR RMS REAL PARA CORRENTES AC ATÉ 5 A

Transdutores para alta tensão CA/CC: P 43000 TRMS da Knick.

A Knick Elektronische Messgeräte é um fabricante reconhecido globalmente de dispositivos de medição de sinais, sensores, corrente e tensão de alta qualidade para utilidades, ferrovias, embarcações e outros ambientes robustos.

C

om o anúncio de seus transdutores para alta tensão P 43000 TRMS CA/CC, a Knick definiu uma classe completamente nova de transdutores CA/CCpara valores RMS reais. Os valores de entrada variam de 100 mA a 5 A CA. Eles são emitidos como sinais CC analógicos padronizados (0 ... 20 mA, 4 ... 20 mA, 0 ... 10 V).

MAIS INFORMAÇÕES

Um comutador de codificação rotativo na frente facilita a troca confortável e calibrada entre até 16 faixas personalizadas. Os transdutores CA/CC tradicionais são muito suscetíveis a erros devido ao seu mau isolamento e são projetados apenas para medição de onda sinusoidal pura. No entanto, o Knick P 43000 TRMS foi desenvolvido para também processar com precisão os sinais de entrada distorcidos. O circuito RMS real altamente preciso converte sinais com um fator de crista de até 5 na faixa de frequência de 40 Hz a 1000 Hz ou 8 Hz a 400 Hz. O VariTrans P 43000 TRMS suporta tensões de trabalho até 3600 V CA/CC e tensões de teste até 15 kV. A separação protetora da entrada, saída e fonte de alimentação fornecem proteção contra choque elétrico até 1800 V CA/CC de acordo com a EN 61140.

12 | Automação | Junho 2018

50

A tecnologia proprietária TransShield da Knick facilita um design extremamente compacto e blindado dos transformadores de alta tensão, permitindo que o VariTrans P 43000 TRMS se encaixe em um invólucro muito compacto de apenas 45 mm de largura. O encapsulamento a vácuo fornece proteção máxima de longo prazo contra influências ambientais agressivas, choque e vibração. Além disso, os transdutores VariTrans P 43000 TRMS vêm com uma ampla gama de fontes de alimentação VariPower integradas para tensões de alimentação de 20 ... 253 V CA/CC, o que garante a máxima segurança mesmo em regiões onde a energia auxiliar é instável. Os transdutores Knick VariTrans P 43000 TRMS vêm com uma garantia de cinco anos. www.knick-international.com/pt_BR


Encontre todas as novidades em: www.revista-automacao.com

A fonte de informação em automação industrial

Profile for Induportals Media Publishing

Automaçao 12  

A Revista Automação é a fonte de informação em automação, fornecendo visões gerais de mercado, estudos de caso e lançamentos de novos produt...

Automaçao 12  

A Revista Automação é a fonte de informação em automação, fornecendo visões gerais de mercado, estudos de caso e lançamentos de novos produt...