Page 1

09 | Automação | Dezembro 2017

A fonte de informação em automação industrial

ABB E KAWASAKI ANUNCIAM COOPERAÇÃO PARA AUTOMAÇÃO DE ROBÔ COLABORATIVO

20

BALLUFF BRASIL LANÇA CÂMERA PARA INSPEÇÃO VISUAL DE PROCESSOS

25 MEDIÇÃO ON LINE: MAIOR QUALIDADE, MENOR CUSTO

4

O DRANETZ HDPQ SP AGORA POSSUI ALIMENTAÇÃO DIRETAMENTE DA FASE

27


09 | Automação | Dezembro 2017

REVISTA AUTOMAÇÃO

BAUMER

4

8 DANFOSS

9 ENDRESS +HAUSER

IFM ELECTRONIC

ROCKWELL AUTOMATION

10

12

14

TÜV RHEINLAND

16 AQUARIUS SOFTWARE

MITSUBISHI ELECTRIC

22

23 BALLUFF

25

ELIPSE SOFTWARE

ABB KAWASAKI

18

20 ABB

24 BAUMIER AUTOMATION

26 ANUNCIANTES: NORD 7 • NATIONAL INSTRUMENTS 13 • LENZE 17

www.revista-automacao.com

DRANETZ

27


MAYR

SOURIAU

LEMO

28

30

32

Contato: Sílvia Bruin Pereira Editor: silvia@revista-automacao.com A fonte de informação em automação industrial

Press-releases devem ser enviados para: silvia@revista-automacao.com

Para receber a Revista Automação gratuitamente inscreva-se no site www.revista-automacao.com A Revista Automação é publicada pela IPM (Industrial Portals Media) em português para técnicos e engenheiros de automação. O seu conteúdo inclui panoramas de mercado, lançamentos de novos produtos, artigos técnicos e casos de aplicação, bem como notícias da indústria e de negócios. A Revista Automação tem um cuidado minucioso na preparação de seus textos; no entanto, não pode garantir a precisão das informações que são propostas. Suas equipes não são responsáveis pelo conteúdo dos meios de comunicação ou pelo seu uso.

INDUSTRIAL

PORTALS MEDIA


NOVIDADE

PANORAMA DO MERCADO

MEDIÇÃO ON LINE: MAIOR QUALIDADE, MENOR CUSTO “O que não se pode medir, não dá para gerenciar”, dizia Peter Drucker, conhecido como o pai da administração moderna. Naturalmente, ele se referia à gestão e liderança dentro das empresas – algumas das suas especialidades como escritor, professor e consultor. Contudo, a frase cabe perfeitamente quando a medição contempla as variáveis dos processos industriais. Cada vez mais, medi-las assume importância vital para a segurança operacional e, especialmente, quando os resultados garantem a melhor qualidade dos produtos com menor custo de produção.

M

MAIS INFORMAÇÕES

arco Dennenmoser, Coordenador da Divisão de Sensor da Baumer do Brasil, conta que, em relação às principais indústrias-alvo da empresa para a linha de Sistemas de Medição On-Line, nos últimos anos seus engenheiros e especialistas de mercado dedicaram-se à tarefa de desenvolver um portfólio completo e inovador que atende aos mais elevados requisitos da indústria de alimentos e bebidas. “A indústria de laticínios e a indústria cervejeira têm sido um foco mundial da companhia. No Brasil em específico, também temos atuado bastante em mercados relacionados à agricultura, tal como o processamento e armazenamento de grãos. Hoje, a Baumer é capaz de fornecer uma ampla gama de instrumentos sanitários e industriais para medição de condutividade, pressão e temperatura, controle de nível e medição de fluxo”, destaca Dennenmoser. O Gerente Geral América Latina da Danfoss Power Solutions, Dirnei Antonio Datti, afirma que a companhia desenvolve tecnologias que permitem ao mundo de amanhã fazer mais com menos. “Atendemos às necessidades crescentes por infraestrutura, cadeia de alimentos, eficiência energética e soluções adequadas para o clima. Os nossos produtos e serviços são utilizados em

09 | Automação | Dezembro 2017

4

BAUMER página 8


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

ENDRESS+HAUSER página 10

DANFOSS página 9

MAIS INFORMAÇÕES

ifm página 12 09 | Automação | Dezembro 2017

5


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

áreas como refrigeração, ar condicionado, aquecimento, controle de motores e maquinário móbil. Também atuamos no segmento de energia renovável e em infraestrutura de aquecimento distrital para cidades e comunidades urbanas. A nossa engenharia inovadora começou em 1933 e hoje somos líderes mundiais, empregando mais de 25.000 funcionários e atendendo clientes em mais de 100 países. Até hoje, somos uma empresa privada controlada pela família fundadora”, ressalta Datti. Para medição online, a Danfoss opera nas áreas de Óleo e Gás, Construção e Agrícola. A Endress+Hauser está presente em toda a indústria de processo; no Brasil é líder em instrumentação em diversos dos segmentos em que atua, dentre eles de Alimentos e Bebidas, Farmacêutico e Cosméticos, Mineração e Siderurgia, Química, Óleo e Gás, Saneamento, Papel e Celulose, entre outros. “No geral, os sistemas de medição on-line resumem o nosso principal ramo de negócios de onde surgiu a empresa e onde estão concentradas nossas principais atividades. Como exemplo que continuamos crescendo nesse setor, recentemente adquirimos a Blue Ocean Nova, que aumenta ainda mais o nosso portfólio de espectrômetros de processo e medição de parâmetros de qualidade”, relata André Nadais, Gerente de Marketing da Endress+Hauser.

MAIS INFORMAÇÕES

O Líder de Projetos da ifm, Cavour Martinelli, assinala que os sistemas de medição on-line são aplicados nos mais diversos setores industriais. “Os principais segmentos nos quais a ifm atua são: automotivo, siderurgia, alimentício, mineração e tratamento de água”, detalha. Ele acrescenta que a ifm é uma empresa alemã que foi fundada em 1969. Nesse ano, os fundadores Robert Buck e Gerd Marhofer introduziram no mercado os sensores de proximidade indutivos com o nome “Efector”. Ao longo dos anos, outras linhas de produtos foram desenvolvidas e comercializadas nas áreas de controle de posição, sensores de processo, sistemas de diagnóstico, redes industriais, sistemas de controle, sistemas de identificação e imagem industrial. A matriz está localizada na cidade de Essen, com presença em mais de 70 países e 6.000 colaboradores. Em 2016 seu faturamento atingiu 780 milhões de Euros.

MERCADOS E APLICAÇÕES O Coordenador da Divisão de Sensor da Baumer do Brasil atesta que existem requisitos específicos para cada mercado que tradicionalmente utiliza Sistemas de Medição OnLine. “Possuímos diversas linhas de produtos para atender às necessidades específicas de cada mercado. Temos uma linha de instrumentos de baixo custo, produzida em grandes volumes, que cumpre perfeitamente os requisitos de algumas indústrias, como, por exemplo, o saneamento e tratamento de água ou a automação na manufatura de veículos. Já os nossos clientes da indústria alimentícia, química e farmacêutica exigem produtos mais elaborados de alta precisão com design robusto e sanitário, assim como interfaces atuais para facilitar a calibração, o comissionamento e a integração do instrumento em uma rede. Essas interfaces podem ser próprias da Baumer, como displays com touch screen e softwares de configuração ou interfaces de comunicação, como HART e IO-Link”, ilustra. Quanto às aplicações, Dennenmoser enxerga um grande potencial nos mercados relacionados à agricultura. “A automação de máquinas e equipamentos agrícolas vem crescendo para que seja possível aumentar a eficiência das operações e atender ao constante crescimento desse setor. O nome Baumer é sinônimo de produtos de alta qualidade, robustez e tecnologia inovadora. Com a nossa linha de instrumentos podemos resolver aplicações difíceis onde outros fabricantes não conseguem atender. Além do produto em si, isto exige também um atendimento técnico personalizado e o acompanhamento da especificação e implantação da solução”, orienta. Os equipamentos de medição on-line da Danfoss Power Solutions são utilizados, principalmente, como acessórios informativos da aplicação e performance da máquina. “Acreditamos que os segmentos agrícola, de construção de estradas e todo tipo de equipamento do mercado móbil são promissores e podem trazer bons frutos para aplicações de monitoramento e telemetria”, visualiza o Gerente Geral América Latina. O destaque da Danfoss é a Telematics Solutions, uma plataforma robusta, resistente a intempéries e a grandes oscilações de voltagem. “Possui uma função ‘plug-andperform’, que utiliza dados para aumentar a eficiência, estender a vida útil do produto e minimizar o tempo de inatividade dos equipamentos em geral. Esse produto apresenta aplicações avançadas para serviço remoto, gestão de eficiência, gestão de frotas, antirroubo, segurança do operador e conectividade. As soluções estão disponíveis tanto para novas máquinas como para retrofits da frota existente. Além disso, a tecnologia fornece aos clientes aplicações personalizadas por meio do software Danfoss PLUS + 1, sistema fácil de desenvolver que utiliza a edição drag-and-drop. Isso faz com que o desenvolvimento de aplicações para sistema de controle seja simples e acessível, mesmo para programadores não treinados formalmente. Isso proporciona aos proprietários de frotas a visibilidade de como, quando e onde seu equipamento está sendo utilizado”, pormenoriza Datti. O Gerente de Marketing da Endress+Hauser entende que cada segmento tem sua necessidade específica, seja pela exigência de equipamentos higiênicos, com todos os requerimentos sanitários e a proteção adequada contra entrada de água na indústria alimentícia, ou por

09 | Automação | Dezembro 2017

6


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

ANTRIEB

DER

■ Confiável ■ Versátil ■ Global

NORD DRIVESYSTEMS: ■ Alta gama de potência ■ Soluções completas e flexíveis ■ Sistemas de alta eficiência

DerAntrieb.com NORD Drivesystems BRASIL LTDA. Matriz Brasil Rua Dr. Moacyr Antonio de Moraes, 127 Pq. Sto Agostinho Guarulhos, SP 07140-285 +55 11 24 02 - 88 55 info.br@nord.com Member of the NORD DRIVESYSTEMS Group The

Gear Unit

The

Motor

The

Drive Electronic

■ Rolamentos reforçados ■ Alta proteção contra corrosão

■ Alta eficiência ■ Padrões globais

■ Design compacto ■ Fácil instalação

■ Alta relação de potência x peso

■ Para todas condições de operação

■ Classe de proteção até IP 69K

medidores para áreas explosivas na indústria química. “Para buscar esse alinhamento com a demanda da indústria, a Endress+Hauser investiu em especialistas de processo – incluindo pessoas no Brasil – que podem ajudar cada setor industrial em como converter nossos produtos em soluções adequadas”, sublinha.

instalado. Normalmente, esse medidor deve resistir a altas temperaturas e produtos químicos agressivos como bases, ácidos, etc. Para a indústria automotiva, os sensores indutivos que funcionam como chave fim de curso devem oferecer imunidade a ruídos eletromagnéticos (EMI) quando aplicados próximos a robôs de solda”, comenta Martinelli.

Quanto às indústrias e aplicações nas quais é possível haver crescimento na utilização de sistemas de medição on-line, Nadais sustenta que algumas demandas são comuns na base da necessidade de medição em toda indústria que procura por medições online: busca por maior qualidade no produto final, redução de custo, aumento na segurança operacional e maior controle sobre meio ambiente/compliance. “Com o crescimento de sensores multivariáveis e a digitalização de instrumentos conectados, a Endress+Hauser vem trabalhando para oferecer mais dados do mesmo ponto de medição, ou seja, informações de diagnóstico com a plataforma. O empolgante da fase em que vivemos é que toda a transformação que acompanha a Indústria 4.0 irá mudar a forma como interagimos com sensores de processo e como trabalhamos. Para ilustrar isso, hoje já conseguimos acessar um medidor de processo falando em Bluetooth com um aplicativo no celular”, exalta-se.

Na sua ótica, as indústrias que estão adotando sistemas de medição on-line são empresas que querem reduzir o desperdício e planejar suas atividades de manutenção. “Os segmentos automotivo e de autopeças são promissores, pois, em sua maioria, adotam programas de excelência como a manufatura de classe mundial (WCM). Um dos passos desse programa é a manutenção preditiva utilizando sensores de processo (temperatura, vazão de ar comprimido, pressão, etc.) e sensores de vibração para evitar a quebra inesperada do equipamento e paradas repentinas de produção. Ao adquirir os sistemas de medição on-line da ifm, os clientes contam com instrumentos de excelente qualidade que suportam ambientes agressivos, como altas temperaturas, altos níveis de vibração, altos níveis de ruído eletromagnético (EMI). exposição a agentes de limpeza, etc. Nossos produtos são produzidos na Alemanha e Estados Unidos, e contam com uma garantia de até cinco anos”, conclui. MAIS INFORMAÇÕES

O Líder de Projetos da ifm lembra que para a indústria de processos (alimentos, farmacêutica, etc.) os sensores e medidores aplicados devem ter certificação própria para aplicação em áreas higiênicas por órgãos como o FDA e o EHEDG. “Esses certificados garantem que existe compatibilidade química dos materiais utilizados nos medidores para os processos dessas indústrias. Além disso, não pode haver risco de contaminação causado pelo acúmulo de resíduos no medidor ou instrumento

Sílvia Bruin Pereira - Editora - REVISTA AUTOMAÇÃO

09 | Automação | Dezembro 2017

7


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

COMBILYZ: CONDUTIVIDADE E TEMPERATURA À PERFEIÇÃO

A Baumer continua desenvolvendo equipamentos fantásticos e agora apresenta seu novo condutivímetro para completar a linha CombiSeries.

O

CombiLyz foi desenvolvido para análise precisa de líquidos, diferenciação de meios na indústria alimentícia, farmacêutica e tratamento de água. O condutivímetro CombiLyz também oferece display colorido, o mesmo da série CombiSeries, classe de proteção IP69K e invólucro em aço inox. Seu design robusto e higiênico resiste até mesmo às condições mais adversas.

MAIS INFORMAÇÕES

Na prática, o condutivímetro da Baumer é ideal para uso no processo CIP e SIP, para monitoramento da concentração de líquidos e para separação de fases de meios diferentes. O CombiLyz permite a seleção de 14 faixas de medição linearizadas de 500 µS/cm até 1000 mS/cm. As medições do sensor são altamente precisas, com um desvio menor que 1 %. Também oferece o tempo de resposta mais rápido da sua classe, menor que 0.3 segundos para medição da condutividade e menor que 15 segundos para medição da temperatura.

09 | Automação | Dezembro 2017

8

A versão standard inclui o bem sucedido display CombiView, que pode mostrar múltiplos valores de processo ao mesmo tempo. Nestes incluem-se concentração, temperatura, saída de corrente, saída digital, status do aparelho, além da condutividade. Além disso, a cor de fundo do display funciona como um semáforo (verde/vermelho), se o resultado da medição atingir um nível crítico que requer intervenção. As configurações podem ser alteradas de maneira fácil e rápida, usando o touch screen do display. www.baumer.com


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

DANFOSS EXPANDE PLATAFORMA DE SOLUÇÕES TELEMÁTICAS

Líder global no fornecimento de tecnologias que atendem à crescente demanda da cadeia produtiva de alimentos, eficiência energética, soluções favoráveis ao clima e infraestrutura moderna, a Danfoss expande a Danfoss Telematics Solutions.

É

uma plataforma robusta e acessível “plug-andperform” que utiliza dados para aumentar a eficiência, estender a vida útil do produto e minimizar o tempo de inatividade dos equipamentos fora de estrada. Os quatro novos produtos da plataforma (WS103, WS403J, WS503 e WS503BP) apresentam aplicações avançadas para serviço remoto, gestão de eficiência, gestão de frotas, antirroubo, segurança do operador e conectividade. As soluções estão disponíveis tanto para novas máquinas como para retrofits da frota existente.

A solução proporciona aos proprietários de frotas a visibilidade de como, quando e onde seu equipamento está sendo utilizado. “Na indústria de equipamentos pesados, a plataforma da Danfoss diferencia-se das outras, pois fornece um conjunto flexível e abrangente do desempenho da telemetria”, comenta Dirnei Antonio Datti, gerente geral da Danfoss. www.danfoss.com

MAIS INFORMAÇÕES

A plataforma Danfoss Telematics Solutions fornece aos clientes aplicações personalizadas por meio do software Danfoss PLUS + 1, sistema fácil de desenvolver que utiliza a edição drag-and-drop. Isso faz com que o desenvolvimento de aplicações para sistema de controle seja simples e acessível, mesmo para programadores não treinados formalmente.

09 | Automação | Dezembro 2017

9


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

PRIMEIRO SENSOR DE TEMPERATURA AUTOCALIBRÁVEL DO MUNDO

Portfolio completo para aplicações higiênicas: indicadores de campo, sensores com alta exatidão, registradores gráficos, entre outras soluções para indústria farmacêutica e alimentos & bebidas.

A Endress+Hauser lançou o iTHERM TrustSens TM371, sensor de temperatura compacto para indústria de alimentos & bebidas e indústria farmacêutica. Com tecnologia única em sensores de temperatura e capacidade para autocalibração automática e em linha, para aplicações críticas em ambientes higiênicos e assépticos. 100% Conformidade – 0% Preocupação – O novo iTHERM TrustSens TM371 proporciona monitoramento contínuo devido à sua capacidade de autocalibração em linha, sem a necessidade de interrupção do processo. Isso resulta no aumento da segurança do produto final, além de diminuir o “downtime” (tempo de produção parada) e reduzir significativamente os riscos e custos de possíveis falhas não detectáveis anteriormente. O sensor de temperatura com design higiênico foi desenvolvido para usuários das indústrias farmacêutica e alimentos & bebidas, que requerem conformidade absoluta com FDA e/ou regulações de boas práticas de fabricação. MAIS INFORMAÇÕES

No coração do TrustSens TM371, existe um sensor de temperatura único que consiste em um Pt-100 combinado com uma célula de referência de alta exatidão e estabilidade em longo prazo. A célula de referência utiliza o ponto físico fixo baseado no Ponto (ou Temperatura) Curie (Tc). Devido às suas características e por se tratar de um ponto físico fixo específico de cada material, pode ser considerado como referência para calibração do sensor primário. A 09 | Automação | Dezembro 2017

10

autocalibração ocorre quando a temperatura excede e depois volta a 118°C (Ponto Curie da célula de referência), temperatura característica de processos que realizam esterilização a vapor (SIP) ou, fabricantes de leite longa-vida (UHT). Estas características asseguram que alta exatidão da medição permaneça sendo constantemente monitorada para garantir sua estabilidade em longo prazo. “Heartbeat Technology” na medição de temperatura – A eletrônica inteligente integrada ao sensor contém várias funções de diagnóstico que são categorizadas de acordo com a recomendação NAMUR NE107 e transmitidas através da comunicação HART. Além disso, o status de funcionamento do sensor e da autocalibração podem ser indicadas localmente através de um LED integrado ao instrumento. Além da autocalibração automática, todos os dados das últimas 350 calibrações realizadas são armazenados diretamente na memória interna do próprio transmissor, o que torna possível o acesso ao histórico de calibrações e processos, além do cálculo e geração automáticos dos certificados de calibração disponíveis para


N O V I D A D E DO MERCADO PANORAMA

TrustSens TM371 com conexão QuickNeck: conexão de engate rápido patenteada para redução de tempo e custos de calibrações em campo devido à facilidade na retirada e reinstalação do instrumento.

A autocalibração em linha elimina todos os riscos de falhas não detectadas. TrustSens TM371 para aplicações higiênicas/assépticas.

acesso através de softwares como, por exemplo, o FieldCare da Endress+Hauser. Todas essas funções garantem o autodiagnostico completamente autônomo e contínuo do instrumento. Sendo assim, o TrustSens TM371 está completamente pronto para as aplicações da Indústria 4.0. Verificado, testado, confirmado – O TrustSens TM371 é fornecido obrigatoriamente com certificado de calibração da célula de referência integrada ao sensor, que assegura a rastreabilidade da cadeia de calibração de acordo com International Temperature Scale – ITS-90. O conceito vem sendo desenvolvido há 10 anos e todos esses anos de testes, milhares de ciclos de medições realizados tanto em laboratório, como em campo, confirmaram que esta solução é confiável e bem desenvolvida. O instrumento possui também conformidade com os seguintes certificados e aprovações internacionais: EHEDG, ASME BPE, FDA, 3-A, 1935/2004, 2023/2006, 10/2011, CE, CRN, TSE, CSA General Purpose.

A ponta da lança de um completo portfolio – Liderado pelo TrustSens TM371, a Endress+Hauser é o primeiro fabricante a oferecer um completo range de soluções e tecnologias para medição de temperatura - “System Products”. registradores gráficos e serviços especialmente desenvolvidos para aplicações higiênicas/assépticas de acordo com as necessidades e requerimentos das indústrias farmacêuticas e de alimentos & bebidas. O portfolio consiste em sensores de temperatura de alta exatidão e baixo tempo de resposta, registradores gráficos com segurança de dados conforme FDA CFR21 part. 11 e display de processo com comunicação digital, entre outras soluções. MAIS INFORMAÇÕES

Vantagens significantes para indústrias farmacêuticas e alimentos & bebidas – A tecnologia do TrustSens é a maior inovação em temperatura, especialmente às estritas recomendações das Boas Práticas de Fabricação. Em adição à melhora na confiabilidade do processo graças à autocalibração realizada antes de cada lote, a disponibilidade de produção também é significantemente

aumentada, devido à economia de tempo em calibrações externas de sensores críticos para a produção. Por conta da alta frequência dos ciclos de calibração, o TrustSens também possibilita uma transparência sem precedentes em transparência dos dados do processo. E, o certificado de calibração pode ser facilmente gerado através de um click – ao invés da necessidade de cálculo e análise realizada por pessoas devidamente qualificadas.

Para mais informações sobre o TrustSens TM371, acesse: www.br.endress.com/TM371

09 | Automação | Dezembro 2017

11


OVIDADE PANORAMA DONMERCADO

MONITORAMENTO ÓTIMO DE CONDIÇÃO E PROCESSO - AGORA TAMBÉM COM INTERFACE PROFINET IO

Para a avaliação dos sinais dinâmicos, tais como a aceleração ou a força bem como sinais analógicos, o sistema de diagnóstico ifm VSE provem de 6-canais com uma interface para trocar dados com um PLC através PROFINET IO.

MAIS INFORMAÇÕES

Monitoramento de condições - os dados se tornam informações – Os sinais dos sensores conectados são processados continuamente no VSE150 para calcular os valores característicos para o monitoramento de condição definido em um conjunto de parâmetros. Os resultados são comparados com os limites e, portanto, tornam-se informações sobre a condição do processo e da máquina. A deterioração da qualidade é reconhecida cedo, evitando rejeições e danos caros. Utilizando a ligação de barramento de campo os valores medidos podem ser diretamente indicados no controlador e a monitorização pode ser perfeitamente adaptada aos estados de funcionamento de processos e maquinas. Duas saídas de comutação digitais (tempo de resposta ≤ 1 ms) para alarmes críticos, 3 portas Ethernet (separando a rede de escritório da rede de máquinas e chão de fábrica), uma grande memória de histórico interno com relógio e contador em tempo real são outros benefícios do VSE150.

09 | Automação | Dezembro 2017

12

Redução da complexidade da rede economiza tempo e dinheiro – Parâmetros auxiliares de monitoramento de condição, como velocidade de rotação, trigger para estados operacionais e alarmes não críticos, podem ser transmitidos diretamente pelo fieldbus e não precisam ser trocados por sinais analógicos e digitais. Isso não só reduz a complexidade da fiação, mas também economiza o custo de fornecer as entradas / saídas correspondentes no PLC. www.ifm.com


E V E N TO

AUTOMATION FAIR, DA ROCKWELL AUTOMATION, REGISTRA 11 MIL PARTICIPANTES NOS EUA

Evento teve na programação dezenas de fóruns setoriais e laboratórios práticos que mostraram as mais recentes soluções para as áreas automotiva, química, alimentos, energia, segurança, entre outras.

E

ntre os dias 15 e 16 de novembro de 2017, a Rockwell Automation promoveu a 26ª edição da Automation Fair, no George R. Brown Convention Center, em Houston, EUA. O evento ofereceu aos quase 11 mil profissionais do setor a oportunidade de descobrirem como a empresa conectada pode ser globalmente mais competitiva.

MAIS INFORMAÇÕES

Na programação, 160 expositores, diversas sessões técnicas, laboratórios hands-on, workshops e fóruns setoriais, que abordaram temas, tais como: cyber security; a indústria e a internet das coisas; empresa conectada ou indústria 4.0; compliance; cloud computing; big data analytics; mobilidade e outros.

09 | Automação | Dezembro 2017

14

Mais uma vez, o evento anual atraiu milhares de especialistas e ofereceu programação gratuita e diversificada sobre outros temas igualmente importantes, com destaque para: máquinas com segurança embarcada para redução de acidentes; avanços industriais pela convergência da informação e da tecnologia da operação; indústria conectada e mobilidade em operações fabris proporcionando maior produtividade e competitividade; tecnologias para sistemas de energia com altos índices de precisão; velocidade de resposta, produção sustentável e redução de custos. “A proposta da Automation Fair é apresentar produtos e soluções que possam trazer benefícios práticos para as empresas e seus clientes finais; trazendo a empresa conectada para a vida prática; apresentando cases reais e problemas reais; mudando esta visão de que IoT é apenas um conceito; indo para a prática destas ideias inovadoras; e comunicando que esta transformação tecnológica é inevitável para as empresas que querem se manter competitivas”, disse Rodrigo Marangon, Diretor Regional da Rockwell.


Inteligência artificial – Durante o evento, a Rockwell Automation anunciou o investimento no The Hive, um fundo de inovação e estúdio de colaboração do Vale do Silício, com a finalidade de obter acesso a um ecossistema de inovadores e startups de tecnologia especializadas em aplicações de inteligência artificial (IA) para a área de automação industrial.

“O investimento da Rockwell Automation no The Hive dará mais visibilidade à tecnologia de IA de empresas incentivadas pela equipe de tecnologia do The Hive”, armou T.M. Ravi, diretor executivo e cofundador do The Hive. “Isso abrange aplicações com base em IA para empresas cognitivas, inteligência de ponta, segurança e máquinas inteligentes.”

Os objetivos da Rockwell Automation incluem colaboração para solucionar problemas de clientes, acelerar a inovação e identificar tecnologias emergentes que possam ajudar seus clientes do setor de produção a melhorar o desempenho dos negócios com a redução da distância entre os sistemas de informação do chão de fábrica e dos níveis mais altos.

www.rockwellautomation.com

MAIS INFORMAÇÕES

“O setor industrial inteligente exige o uso de tecnologias inovadoras e revolucionárias como a IA para desenvolver as unidades industriais do futuro e redes de suprimentos flexíveis, ágeis e seguras. A IA pode ajudar os produtores a destravar as informações, contextualizá-las e colocá-las em movimento”, revelou Elik Fooks, vice-presidente sênior de desenvolvimento corporativo da Rockwell Automation. “Continuamos a realizar parceiras com importantes inovadores, como esta com o The Hive, para avançar ainda mais com A Empresa Conectada (The Connected Enterprise), nossa visão para atingir uma produtividade industrial sem precedentes a partir da integração da fábrica e das operações corporativas.” 09 | Automação | Dezembro 2017

15


CERTIFICAÇÃO

TÜV RHEINLAND – ÚNICA FORNECEDORA GLOBAL DE TESTES DE TECNOLOGIAS DE COMUNICAÇÃO SEM FIO LPWAN

A TÜV Rheinland inspeciona e certifica mundialmente redes de longa distância e baixa potência (LPWAN).

A

TÜV Rheinland é a única fornecedora global de serviços de inspeção, certificação e aprovação para comercialização de redes de longa distância e baixa potência (LPWAN) no mercado, reafirmando assim sua posição como provedora líder de serviços de teste em todo o campo das tecnologias sem fio, e posicionando-se no mercado global de rápido crescimento da Internet das Coisas (IoT). O portfólio inclui as tecnologias de LoRa, Sigfox, WiSUN, NB-IoT (Internet das Coisas em Banda Estreita) e LTECATMx.

MAIS INFORMAÇÕES

Fator-chave para a Internet das Coisas (IoT) – A tecnologia de LPWAN é um pré-requisito crucial para a conexão de uma quantidade cada vez maior de objetos à internet, e é considerada, portanto, um componente essencial da Internet das Coisas (IoT). Essa tecnologia permite a transmissão de pequenos volumes de dados por longas distâncias, sem gasto excessivo de energia. “Esse baixo consumo de energia torna a LPWAN ideal para redes de sensores de baixa manutenção, operados por bateria, usados no monitoramento de condições em todas as áreas de trabalho e da vida cotidiana”, explica Stefan Kischka, VicePresidente de Wireless/Internet das Coisas da TÜV Rheinland. Os módulos e chips de LPWAN podem ser integrados em quase todos os produtos e serviços. Eles também fornecem 09 | Automação | Dezembro 2017

16

a base para o desenvolvimento de ideias de negócios totalmente novas. “A TÜV Rheinland esteve fortemente envolvida no desenvolvimento da tecnologia desde a sua primeira aparição”, diz Andreas Renz, Diretor de Desenvolvimento Global de Negócios Wireless/ Internet das Coisas da TÜV Rheinland. Aprovações internacionais para produtos sem fio – Além de fornecer serviços de certificação de tecnologia, a TÜV Rheinland é parceira global para aprovações internacionais de produtos wireless (aprovação do “tipo rádio”). Isso inclui, por exemplo, RED, FCC, Japan Radio Law, Coreano e muitas outras normas de aprovação de vários países. Graças a essa experiência diversificada, além de seus recursos, a TÜV Rheinland se distingue como uma provedora de serviços de testes que pode atender a todas as necessidades de serviços de comunicação sem fio de um cliente, independentemente da sua área de atuação industrial, de forma global e abrangente. Para isso, fornece serviços de consultoria, soluções de testes e análises de penetração de mercado para novas tecnologias, bem como testes e certificações independentes. Para saber mais, visite www.tuv.com/en/wireless-iot


Bem-vindo ao mundo Lenze, a Terra do Movimento! Movimento é o que nos distingue como uma empresa inovadora. É o elemento central da nossa motivação, é o que pensamos, sentimos e fazemos todos os dias, no mundo dos negócios e pessoalmente. Nós não apenas garantimos o funcionamento das máquinas de nossos clientes, mas também oferecemos conceitos e ideias que contribuem para o aumento de desempenho e eficiência.

As melhores máquinas e indústrias ao redor do mundo usam Lenze.

Somos um dos líderes mundiais em tecnologia e soluções de automação industrial e atuamos na vanguarda na Indústria 4.0 com pesquisa e desenvolvimento. Tecnologia alemã de ponta é garantia de performance para seu projeto de automação industrial, sempre com os melhores Controladores Programáveis, IHMs, Inversores de Frequência, Servo motores, Servo drives, Motores e Motoredutores. Suportamos seu projeto com estrutura de engenharia e serviços diferenciados no Brasil para garantir sua produtividade.

Indústria 4.0 desde 1947.

5 Passos para sua liberdade

1

2

3

4

5

DESENVOLVENDO IDEIAS

ESBOÇANDO CONCEITOS

IMPLEMENTANDO SOLUÇÕES

CONSTRUINDO MÁQUINAS

GARANTINDO PRODUTIVIDADE

Fácil assim... www.lenze.com.br Lenze Brasil – Contact Center 19 3846-3500 vendas@lenze.com.br


APLICAÇÃO

ELIPSE E3 AGREGA MAIS SEGURANÇA E AGILIDADE AO SISTEMA DE SUPERVISÃO E CONTROLE DA ENGIE BRASIL ENERGIA

COS e COG da ENGIE.

Solução da Elipse Software é utilizada no centro de operação da ENGIE para controlar remotamente suas hidrelétricas e realizar o despacho operacional das usinas que integram seu parque gerador com capacidade instalada igual a 7.069 MW. Necessidade – A ENGIE é o maior produtor privado de energia elétrica do Brasil, com um parque gerador bastante diversificado e capacidade instalada de 7.069 MW, o que representa cerca de 6% da capacidade nacional, sendo 90% proveniente de fontes limpas e renováveis. Desde 2005, a ENGIE utiliza o E3, solução desenvolvida pela Elipse Software, como seu sistema para aquisição de dados. Em 2015, o grupo construiu o COS (Centro de Operação do Sistema) e, um ano depois, o COG (Centro de Operação da Geração).

MAIS INFORMAÇÕES

Para Alan Bronaut, Coordenador de Sistemas e Engenharia de Produção da ENGIE, a qualidade e disponibilidade dos recursos de supervisão e controle oferecidos pelo Elipse E3 são cruciais para a confiabilidade da operação remota. A agilidade do suporte na resolução é outro fator importante do ponto de vista de manutenção e ampliação do sistema. O atendimento a estes requisitos foi determinante na escolha do E3 como software SCADA (Supervisory Control and Data Acquisition) do COS e COG da ENGIE.

09 | Automação | Dezembro 2017

18

Solução – Apesar de terem funcionalidades distintas, o COS e o COG se encontram em um mesmo ambiente. Ambos compartilham da mesma infraestrutura de TI, porém, por questões de segurança e estratégia de expansão, as aplicações são segregadas. O SSG (Sistema de Supervisão da Geração), que conta com o E3 como software SCADA, foi o nome dado à solução customizada instalada no COS e COG. Por meio do SSG-COS, é possível realizar o despacho operacional de todas as usinas da ENGIE. Já o SSG-COG é utilizado exclusivamente para controlar as seguintes usinas: UHE Ponte de Pedra (UHPP), PCH Rondonópolis (PHRO), PCH José Gelázio (PHG), UHE Cana Brava (UHCB) e UHE São Salvador (UHSA). Até o final de 2017, a UHE Passo Fundo passará a ser também operada pelo COG. Utilizando os conceitos de IHM de alta performance, o software da Elipse permite realizar a supervisão e controle das unidades geradoras das usinas, assim como a monitoração dos limites de operação de suas turbinas e geradores. Os reservatórios de água também podem ser supervisionados pelo E3.


Controle conjunto do SSG-COG.

Controle dos sistemas de drenagem e esgotamento.

Controle das temperaturas dos enrolamentos e ranhuras das turbinas.

Controle do sistema de resfriamento da água.

As tensões, correntes, disjuntores e seccionadoras das subestações das usinas são também controladas pelo software, assim como os equipamentos dos seus sistemas auxiliares cuja alimentação é feita via corrente contínua ou alternada. Além disso, o E3 permite monitorar e realizar comandos sobre bombas e válvulas que integram os sistemas de drenagem, esgotamento, exaustão e ventilação das turbinas e geradores, evitando, assim, que haja problemas devido ao superaquecimento de seus motores, por exemplo. As temperaturas dos enrolamentos e ranhuras dos estatores são também exibidas pelo software. Graças a este controle, os operadores conseguem atuar de modo a evitar que tais equipamentos da estrutura física das turbinas sofram danos de dilatação ou desgaste causados pela exposição a calores excessivos.

Ficha Técnica Cliente: ENGIE Brasil Energia Integrador: scadaHUB Pacote Elipse utilizado: Elipse E3 Plataforma: Windows Server 2012 r2 Número de cópias: 2 no COG e 3 no COS Pontos de I/O: 250.000 no COG e 180.000 no COS Drivers: IEC 104, DNP 3.0 e OPC Augusto Ribeiro Mendes Filho, Assessor de Comunicação da Elipse Software www.elipse.com.br

MAIS INFORMAÇÕES

Para reforçar ainda mais este controle preventivo, o E3 exibe todas as informações sobre os dispositivos de proteção das usinas, evitando que haja problemas como curtos-circuitos, sobretensão e sobrecorrente. As bombas, válvulas, filtros e outros elementos relacionados às trocas de calor necessárias para resfriar a água de modo a poder ser novamente utilizada nas usinas também são monitorados pelo software. Por fim, a solução controla o sistema de excitação das usinas, exibindo a tensão terminal dos geradores.

Benefícios • Melhor desempenho do sistema SCADA; • Maior disponibilidade e confiabilidade nos recursos de supervisão e controle das plantas; • Facilidade de implementação e ampliação do sistema; • Melhoria nos processos de manutenção; • Aplicação do conceito de IHM de alta performance.

09 | Automação | Dezembro 2017

19


N OT Í C I A

ABB E KAWASAKI ANUNCIAM COOPERAÇÃO PARA AUTOMAÇÃO DE ROBÔ COLABORATIVO

Primeira parceria do mundo focada em “robôs colaborativos” e na criação de abordagens padrão à segurança, programação e comunicação do setor.

A

ABB e a Kawasaki Heavy Industries, dois fornecedores mundiais de robô e automação industrial, anunciaram que unirão forças para dividir conhecimento e promover os benefícios dos robôs colaborativos, especialmente nos projetos de dois braços. A cooperação global terá início imediatamente.

Com a nova parceria, que é a primeira do mundo com foco em “robôs colaborativos” (ou cobots), as duas fabricantes continuarão produzindo e comercializando seus produtos de forma independente, mas trabalhando juntas em oportunidades técnicas e de divulgação. Essas oportunidades envolvem instruir os legisladores, as ONGs e o público em geral sobre os benefícios da automação colaborativa, além de criar abordagens padrão à segurança, programação e comunicação no setor.

MAIS INFORMAÇÕES

A colaboração entre pessoas e robôs e máquinas e processos é cada vez mais importante, com a produção de diversos setores migrando de lotes maiores com pouca variação para baixos volumes com mix variado. Isso significa mais variabilidade e intervenção humana. A automação colaborativa permite que pessoas e robôs contribuam com seus pontos fortes distintos — pessoas oferecem conhecimento sobre o processo, percepções e improvisação para mudar, enquanto os robôs oferecem resistência inesgotável para tarefas repetitivas. A cooperação também representa uma colaboração internacional, com a ABB sendo a maior fornecedora de 09 | Automação | Dezembro 2017

20


NOVIDADE

robôs da Europa e a Kawasaki uma das gigantes da Ásia no ramo industrial. “A escala e o ritmo da mudança no mercado de robótica hoje é inimaginável”, afirmou Per Vegard Nerseth, diretor-geral da unidade de robótica da ABB. “Além das tecnologias por trás da automação colaborativa, há também a necessidade de criar novas formas de se trabalhar em conjunto e criar abordagens padrão à segurança, à programação e à comunicação no setor”. “Robôs colaborativos, principalmente os com dois braços capazes de interagir com humanos, podem contribuir muito para a sociedade e ajudar o mundo a lidar com a falta de profissionais e o envelhecimento da força de trabalho. Vemos muito potencial na expansão de aplicações e processos colaborativos em que pessoas e tecnologia trabalham juntas para criar soluções”, disse Yasuhiko Hashimoto, diretor executivo e gerente geral da divisão de robôs da Kawasaki. “A parceria entre a ABB e a Kawasaki para criar automação colaborativa avançada e mais fácil de usar é uma ótima notícia.”

base na aplicação extensiva de conhecimento prático e que pode colaborar com segurança com humanos no ambiente de trabalho. www.abb.com www.abb.com/robotics www.global.kawasaki.com www.robotics.kawasaki.com

MAIS INFORMAÇÕES

A ABB é conhecida como pioneira em automação colaborativa com o robô de dois braços YuMi, o primeiro robô verdadeiramente colaborativo do mundo. O YuMi possibilita que pessoas e robôs dividam tarefas comuns, como montar eletrônicos pequenos, com segurança. A Kawasaki está oferecendo um inovador e singular robô SCARA de dois braços, o “duAro”, que foi desenvolvido com 09 | Automação | Dezembro 2017

21


N OT Í C I A

AQUARIUS SOFTWARE APRESENTA NOVA IDENTIDADE VISUAL A empresa de soluções tecnológicas anuncia sua nova identidade visual, com formas modulares e de integração, que retratam diferentes níveis e possibilidades para gestão da produção e automação industrial.

O antigo e o novo logotipos da Aquarius Software.

E

m sequência às diretrizes de seu plano estratégico 2017-2020, a Aquarius Software apresentou sua nova identidade visual, como parte da evolução da marca criada em 1984. Depois da reorganização societária, contratação de novos colaboradores e alinhamento do portfólio de soluções e serviços para a era da Indústria 4.0, a empresa decidiu por ajustar a sua identidade visual à nova realidade. “Em meio à própria transformação da Aquarius Software e do nosso mercado, surgiu o momento de avaliar a marca e o logotipo da empresa, para nos assegurarmos de que estes elementos estavam de acordo com quem somos e para onde vamos”, explicou Carlos Paiola, sócio-diretor responsável por marketing e vendas.

MAIS INFORMAÇÕES

“Após uma ampla seleção, escolhemos um logotipo que efetivamente nos representa, pois, além do nosso nome, mantém nossos valores e nossa história. Além disso, a nova imagem está perfeitamente alinhada à direção futura da empresa”, acrescentou a sócia e diretora executiva, Márcia Campos. De acordo com a empresa, a nova identidade visual tem o objetivo de mostrar sua capacidade de integrar diferentes soluções de forma inovadora e atender a uma gama crescente de desafios que são impostos aos seus clientes. A Aquarius Software entende que a proposição única de valor da empresa traz uma ideia de curadoria, um conceito 09 | Automação | Dezembro 2017

22

bastante utilizado na área artístico-cultural, que faz todo sentido para a companhia. “Temos habilidade para entender as necessidades de cada mercado e cliente e buscar as soluções mais adequadas a cada demanda na indústria global de software. Somos uma equipe capaz de dar atenção especial a cada projeto, escolhendo os melhores componentes para cada contexto. Nesse sentido, atuamos de forma similar a de um curador”, esclareceu Ricardo Caruso, sócio e diretor técnico da empresa. “Agora, nosso personagem - que estava sentando em frente ao seu computador de mesa - ganha vida e se integra a outros cenários, através da tecnologia e da mobilidade, como nossos clientes podem fazer hoje em suas indústrias. Nossa marca, assim como a automação industrial, passou por uma verdadeira transformação digital”, revelou o diretor responsável por Novos Negócios, Mário Simas. A Aquarius Software anuncia que a tarefa dos próximos meses é o lançamento um novo portal da web, otimizado para a busca de soluções baseadas nos desafios atuais dos clientes da empresa. www.aquarius.com.br


N OT Í C I A

SOLUÇÕES DA MITSUBISHI ELECTRIC AUMENTAM FATURAMENTO DA EQUIMATEC EM 30% IHM Mitsubishi Electric na Fatiadora de Frios FT 250 da Equimatec / Divulgação

Fatiadora de Frios Equimatec FT 600 com soluções da Mitsubishi Electric / Divulgação

Soluções Mitsubishi Electric permitem maior precisão no fatiamento e empilhamento de frios nos equipamentos da Equimatec / Divulgação

Parceria abre portas para o mercado internacional e melhora a percepção dos equipamentos da empresa.

A

Equimatec, fabricante catarinense especializada em máquinas interfolhadoras, fatiadoras e raladoras para a indústria alimentícia, conseguiu aumentar o seu faturamento de vendas em 30%, passando a utilizar as soluções da Mitsubishi Electric em seus equipamentos. “Estamos observando uma abertura no mercado internacional, grande parte por conta dessa parceria com a Mitsubishi Electric”, afirma Josinei Martins, presidente da Equimatec.

De acordo com o supervisor comercial da Mitsubishi Electric, Fábio Toledo, a parceria com a Equimatec simboliza o cenário ideal, onde um fabricante de máquinas com grande potencial se alia a uma marca de tradição capaz de agregar inovação e valor aos equipamentos, tornando o processo mais interativo e inteligente. “Informações como espessura dos cortes, quantidade de empilhamento entre outras, passaram a ser possíveis por conta das nossas soluções”, finaliza Toledo.

MAIS INFORMAÇÕES

De acordo com Martins, a adoção das IHMs da multinacional japonesa, além da facilidade na integração das soluções e no sistema de programação dos equipamentos foi decisiva para alcançar tal resultado. “Além disso, quando destacamos que o nosso equipamento possui componentes da Mitsubishi Electric, a percepção dos clientes melhora, pois o knowhow e a confiabilidade da marca são reconhecidos por sua excelência”.

Entre os benefícios estão a confiabilidade da marca e o atendimento pós-vendas da Mitsubishi Electric. “Conseguimos hoje uma precisão muito grande no interfolhamento, embalamento e corte de frios por conta da programação simplificada e acessível proporcionado pelas IHMs. Antes era necessário que os cálculos fossem feitos à mão e agora tudo é automatizado”, conclui Martins.

www.mitsubishielectric.com.br

09 | Automação | Dezembro 2017

23


NOVIDADE

ABB LANÇA ABB ABILITY NO BRASIL

ABB Ability – oferta digital da ABB – reduz manutenções e prolonga a vida útil dos ativos, resultando em eficiência de custos e operações mais sustentáveis e seguras.

A

ABB lançou no Brasil o ABB Ability, oferta digital de produtos e soluções, no evento que comemorou os 105 anos da companhia no país. O ABB Ability permitirá às empresas brasileiras otimizar a análise de dados de suas operações e obter ganhos de eficiência, e ao mesmo tempo, melhorar a produtividade. A ABB estima que as soluções digitais possam adicionar US$ 20 bilhões em sua receita anual.

MAIS INFORMAÇÕES

Com o ABB Ability, a ABB continua a fornecer os mais inovadores produtos e serviços e, ao mesmo tempo, oferece uma transição significativa da conectividade para digitalização, automação e robótica, um grande diferencial para a indústria. O ABB Ability pode antecipar potenciais problemas antes de surgirem e melhorar a produtividade dos equipamentos. “A ABB está presente no Brasil há mais de cem anos, contribuindo de forma inovadora para alguns dos projetos de infraestrutura mais icônicos, tais como Itaipu e Belo Monte”, disse o CEO da ABB, Ulrich Spiesshofer. “Nós fornecemos os primeiros equipamentos elétricos para o Bondinho do Pão de Açúcar, o primeiro teleférico da América Latina, inaugurado em 1912”, acrescentou. 09 | Automação | Dezembro 2017

24

A ABB é uma das principais fornecedoras do S11D, o maior projeto de mineração do mundo, localizado no sudeste do estado do Pará. A empresa desenvolveu uma solução única para gerenciamento de ativos em tempo real e forneceu tecnologia de automação para as esteiras transportadoras, permitindo o sistema truckless. “E por isso é perfeitamente apropriado que estejamos aqui no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, para apresentar o ABB Ability, nossa oferta digital inovadora, que permitirá às empresas brasileiras desfrutar de operações automatizadas muito mais eficientes e produtivas”, disse Spiesshofer. Como parte das celebrações dos 105 anos da ABB, YuMi, o primeiro robô industrial de dois braços verdadeiramente colaborativo, desenvolvido pela ABB, criou uma obra de arte em parceria com o renomado artista plástico Caio Chacal, demonstrando que a interação entre máquinas inteligentes e humanos não é mais uma projeção para o futuro. www.abb.com.br


NOVIDADE

BALLUFF BRASIL LANÇA CÂMERA PARA INSPEÇÃO VISUAL DE PROCESSOS

Capaz de reconhecer códigos de máquina e texto, a SmartCamera permite detecção precoce de produtos com defeito no processo de fabricação e garante qualidade geral.

C

oncebida de maneira ideal para atender os desafios da Indústria 4.0, e visando o processamento moderno de imagens, a Balluff desenvolveu a SmartCamera. A nova tecnologia conta com uma fabricação moderna e flexível, base completa de ferramentas para rastreabilidade e verificação, interface de usuário simples e sofisticada, assim como a possibilidade de transferir os dados conforme as necessidades de cada aplicação. Ideal para rastreabilidade do produto na produção, como leitura de códigos 1D e 2D e reconhecimento de caracteres OCR, e no controle de processo e qualidade, na detecção de peças, contorno e controle de dimensões.

A SmartCamera está disponível nas versões IO ou fieldbus e interface de conexão padrão M12. Além disso, tem uma vantagem adicional: através da interface IO-Link, é possível adicionar outros sensores para configurar uma solução completa. www.balluff.com MAIS INFORMAÇÕES

Por ser manuseada de maneira simples, a SmartCamera abre um campo de aplicação versátil para o processamento de imagens conforme as especificações individuais. Os dados podem ser encaminhados diretamente para o controlador. Algoritmos de análise inteligentes disponibilizam os resultados na saída através da interface com o formato demandado pelo usuário.

De modo a proteger a rede PROFINET, é possível transmitir somente as informações relevantes para o processo e encaminhar os demais dados de comando e de imagem através de uma rede em separado. Software, manuais e funções de diagnóstico estão integrados na SmartCamera e podem ser acessados através de interface gráfica em qualquer momento.

09 | Automação | Dezembro 2017

25


NOVIDADE

CONHEÇA O EAGLE ONE – ROTEADOR DE SEGURANÇA INDUSTRIAL

O novo roteador de segurança Eagle One, faz parte da família Eagle, sendo uma combinação do software aprovado do Eagle 20 com hardware de ponta, fornecendo proteção integral para a sua rede e garantindo segurança máxima dos dados.

C

om recursos de redundância de camada 2 e de camada 3, combinados com outras funções importantes como NAT e firewall, não só garantem segurança máxima dos dados, como também facilitam a integração de suas áreas de produção na rede. Graças ao seu baixo consumo de energia, oferece um custo de funcionamento significativamente menor. Além disso, a faixa de temperatura de operação estendida do EAGLE One significa que frequentemente, pode ser usado sem equipamento adicional de ar-condicionado. Mais uma vantagem é sua aprovação para uso em ambientes potencialmente explosivos. Isso significa que ainda mais setores industriais, incluindo petróleo e gás, agora podem se beneficiar da segurança comprovada do EAGLE.

MAIS INFORMAÇÕES

Uma vez que este roteador de segurança é aprovado para subestações (IEC 61850-3) e ambientes potencialmente explosivos (ATEX e ISA 12.12.01 HazLoc), também pode ser usado no setor de óleo e gás, bem como em sistemas de transmissão e distribuição de energia e aplicações de energia como plataformas offshore e parques eólicos.

09 | Automação | Dezembro 2017

26

Vantagens do Eagle One – arquivo de configuração baseado em texto; modo Transparente de Camada 2 (por exemplo, para RSTP e MRP); ampla gama de padrões de transmissão e criptografia (PPPoE, PPP, IKEv1 / v2, IPsec, NAT); entrada digital para controlar conexões VPN; numerosas funções de gerenciamento (SNMPv3, SSH2 / SFTP, HTTPS, V.24 CLI, SSH1, SNMPv1 / 2); faixa de temperatura de operação ampliada opcional de -40 ° C a + 70 ° C (o padrão é 0 ° C a + 60 ° C); opções para cabos par trançado (RJ45) e fibras multimodo (SC); e caixa metálica robusta para montagem em trilho DIN. www.baumier.com.br


NOVIDADE

O DRANETZ HDPQ SP AGORA POSSUI ALIMENTAÇÃO DIRETAMENTE DA FASE

Os modelos HDPQ SP são acondicionados em um gabinete IP65 (clima/reforçado)

A

alimentação diretamente da fase foi agora adicionada aos instrumentos de monitoramento de energia Dranetz HDPQ SP classificação IP65 da Dranetz Technologies. Os instrumentos Dranetz HDPQ Visa SP, Guide SP, Xplorer SP e Xplorer 400 SP destinam-se à utilização em ambientes severos, externos e remotos, ou para aplicações em que um display LCD não é desejável.

Os usuários do Dranetz HDPQ agora podem escolher entre um instrumento portátil tradicional com um display LCD a cores de 7 polegadas ou uma versão SP que pode ser alimentada diretamente da fase, e está alojada em um gabinete IP65 sem um display LCD local. As versões HDPQ

Os instrumentos Dranetz HDPQ Family of Power Quality, Demand & Energy não só oferecem os melhores recursos de medição da indústria, mas também possuem as capacidades de comunicação mais poderosas da indústria, tornandoos ideais para comissionamento, engenharia e aplicações de eliminação de falhas. As poderosas comunicações disponíveis na linha Dranetz HDPQ aumentam a produtividade e a segurança dos usuários finais, permitindo que os usuários controlem o instrumento e baixem dados de forma remota. Os usuários já não precisam se submeter a ambientes perigosos e agora podem gerenciar pesquisas de alimentação remotamente a partir da segurança e do conforto de um escritório ou de outro local mais conveniente.

MAIS INFORMAÇÕES

“Ter a capacidade de alimentar os instrumentos Dranetz HDPQ SP desde o circuito a ser medido é uma excelente conveniência para os usuários e também aumenta a sua segurança”, disse Ross Ignall, Diretor de Gerenciamento de Produtos da Dranetz. “Com a nova fonte de alimentação de 600V AC/DC incorporada, os usuários não precisam mais localizar uma fonte de energia separada de 120/230V para o instrumento; eles agora têm a opção de alimentar o instrumento desde o circuito que está sendo medido ou de uma fonte de energia separada.”

portátil (com display de 7 polegadas) e SP (gabinete IP65 sem display) de cada modelo têm exatamente a mesma medida e grandes capacidades de comunicação remota.

www.dranetz.com

09 | Automação | Dezembro 2017

27


NOVIDADE

DIVERSIDADE PERFEITA

Os acoplamentos com elastômeros flexíveis e livres de folga ROBA®-ES da Mayr® power transmission, compensam desalinhamento do eixo radial, axial e angular. Eles protegem também todo o sistema de acionamento contra vibrações críticas.

Acoplamentos confiáveis e livres de folga para todos os modelos de servo motores disponíveis no mercado.

A

Mayr® power transmission fornece uma ampla linha de acoplamentos para servo motores de alto desempenho e livres de folga, e está expandindo permanentemente seu portfólio de produtos. Além disso, novos e modernos processos de produção garantem preços acessíveis e com reduzido prazo de entrega. Adicionalmente, a empresa também apresentou soluções diversas e orientadas para o futuro nas soluções com freios de segurança e embreagens de sobrecarga. Para clientes, isso significa alta qualidade de transmissão de movimentos mecânicos a partir de um único fabricante.

Os acoplamentos para os eixos dos servos motores são submetidos a requisitos completamente diferentes, dependendo do tipo de aplicação. Por esta razão, a Mayr® power transmission fornece um portfólio de produtos extremamente amplo e aperfeiçoado, com vários modelos de acoplamentos em sua gama de produtos - foles de aço, disco rígido e elastômero flexíveis. Recentemente, a empresa ampliou seu sistema modular de customizações com novas configurações de acoplamento e conexões intermediárias. “Com nossa ampla variedade de versões, criamos um alto grau de flexibilidade para diversas aplicações”, explica Ralf Epple, Gerente de Produto na Mayr® power transmission. “Estamos, portanto, em condições hoje de oferecer soluções para todos os conjuntos de servo motores de forma fácil e rápida”.

MAIS INFORMAÇÕES

O sistema modular inteligente também garante alta disponibilidade e reduzidos prazo de entrega para componentes padrões. Além disso, a Mayr® power transmission está se equipando para o futuro e está reagindo aos desafios continuamente crescentes, com novos e modernos métodos de produção com otimizado manuseio interno. “Para nossos clientes, isso significa uma grande variedade na seleção de acoplamentos, com curtos 09 | Automação | Dezembro 2017

28


NOVIDADE Os acoplamentos de disco rígido ROBA®-DS de alto desempenho, garantem montagem simples e rápida mesmo sob condições adversas. Eles transferem torques altos com um diâmetro proporcionalmente pequeno.

Com suas sólidas conexões e resistentes a esforços, o acoplamento por fole de aço smartflex® representa uma transmissão de torque livre de folga e confiável. Os foles de aço construído perfeitamente, garantem o máximo grau de compensação de desalinhamento.

prazos de entrega e preços acessíveis - naturalmente no padrão de qualidade feita pela Mayr® power transmission em Mauerstetten”, conclui Ralf Epple.

Soluções completas de um único fabricante Além dos acoplamentos para eixo, a Mayr® power transmission, durante décadas, desenvolve e produz freios de segurança e limitadores de torque inovadores e confiáveis. “Nossos clientes apreciam em sempre receber soluções de um único fornecedor se possível, com economia e sem custos adicionais”, acrescenta Ralf Epple. Portanto, em muitas aplicações são utilizadas combinações integradas envolvendo acoplamentos e limitadores de torque de segurança. Estas últimas protegem as máquinas contra danos por sobre torque. A Mayr® power transmission fornece o know-how e todo o serviço de uma única fonte, com essas completas soluções. www.mayr.com MAIS INFORMAÇÕES

Know-how e equipamento A Mayr® é uma das empresas líderes mundiais em transmissão de movimentos mecânicos e pode – em particular quando se trata de casos de aplicação complexas – aplicar conhecimentos adequados e décadas de experiência. Como resultado, a empresa possui, por exemplo, acoplamentos de alta velocidades, superiores a 20.000 rpm em sua gama de produtos. Nestes projetos de customizações, as peças individuais são fabricadas com alta precisão, tolerância limitada de excentricidade radial, e desvio de excentricidade axial, e são balanceados em condições completamente montados. Devido ao fato de que esses acoplamentos - como com todos os outros projetos de customizações - devem ser precisos e funcionar de forma confiável, a Mayr® power transmission testa extensivamente todos os acoplamentos em modernas bancadas de testes, sob condições de simulação que também prevalecem em aplicações reais. Como resultado, a alta qualidade consistente dos produtos é garantida.

está disponível, por meio de canais de comunicação ou através de contatos dos nossos parceiros tecnicamente competentes - não só na Alemanha, mas também através de uma rede global de serviços.

Embora os acoplamentos para eixos sejam frequentemente categorizados como uma peça e acessório simples, eles são, no entanto, componentes importantes no sistema de maneira geral. Se surgirem dúvidas sobre esses produtos, ou mais detalhamentos técnicos, a Mayr® power transmission 09 | Automação | Dezembro 2017

29


NOVIDADE

A SÉRIE ESTERLINE CONNECTION TECHNOLOGIES - SOURIAU DE CONECTOR HERMÉTICO AGORA INCLUI UMA VERSÃO COM CONTATOS DE TERMOPAR

A Esterline Connection Technologies - SOURIAU anuncia que sua gama de conector circular com contatos de termopar agora inclui uma versão com recipiente hermético para atender requisitos específicos para aeronaves, equipamentos militares e aplicações em ambientes severos.

E

sta gama de conectores suplementa e complementa a série atual de conectores herméticos e contatos de termopar da SOURIAU. Os contatos de termopar específicos podem ser instalados em conectores que estejam em conformidade com EN 3646, MIL-DTL-26482, MIL-DTL-38999 e EN 2997. Na aviação civil e militar, por exemplo, eles são usados para conectar sensores de temperatura colocados em torno de motores de aeronaves e sistemas de freio.

Uma tecnologia de contato específica Nas cadeias de medição de temperatura, o níquel-cromo (NiCr) e o níquel-alumínio (NiAl) são soldados no sensor dentro do transdutor e devem ter continuidade do material até a eletrônica de análise. Os contatos de um conector devem atender a esse requisito para que ele seja adicionado à cadeia de medição. A SOURIAU garante a continuidade do material ajustando um contato níquel-cromo e um contato níquel-alumínio em cada um dos seus conectores de termopar, tornando-os neutros na cadeia de medição.

MAIS INFORMAÇÕES

Contatos e recipientes herméticos Os recipientes instalados no equipamento devem ser herméticos em dois pontos. O primeiro ponto refere-se ao método utilizado para fixar o recipiente, o que é possível por soldagem a laser ou TIG, ou por montagem de um anel de vedação especial. O segundo ponto está nos contatos dentro do recipiente. Aqui, o isolador convencional é substituído por um isolador de vidro. Uma almofada sinterizada do mesmo tamanho que o invólucro, e correspondente ao layout de contato, é inserida e derretida a 1000°C em uma autoclave. Os ciclos de aquecimento e resfriamento no processo são intercalados com períodos de estabilização. 09 | Automação | Dezembro 2017

30


NOVIDADE

Como resultado, o vidro se contrai para formar um selo totalmente hermético dentro Do invólucro e em torno de cada contato. Cada conector sofre um rigoroso controle de qualidade sob a forma de um teste de vazamento de hélio, a fim de garantir a taxa de vazamento específica inferior a 10-7 atm-cc/seg requerida para conectores herméticos.

www.souriau.com

Layout de contato e arranjo A maioria dos conectores é equipada com um par de contatos de níquel-cromo/níquel-alumínio para formar um par de termopares. A SOURIAU pode fornecer conectores com dois pares ou mais de contatos de termopar para clientes que exigem redundância de aquisição de sinal. Dois arranjos padrão de três e cinco contatos estão disponíveis com base em definições padrão. Como em qualquer conector hermético, os contatos correspondentes geralmente são feitos de ferro-níquel. A SOURIAU pode personalizar a localização dos contatos dentro da cavidade para atender os requisitos do cliente. MAIS INFORMAÇÕES

Conectores disponíveis Os conectores herméticos da SOURIAU com contato termopar estão agora disponíveis em três versões: EN 2997, MIL-DTL-38999 Série III e EN 3646. Eles são a combinação perfeita com a série existente de conectores herméticos e contatos removíveis da SOURIAU projetados para uso em ambientes hostis. 09 | Automação | Dezembro 2017

31


NOVIDADE

LEMO LANÇA NOVO CONECTOR COAXIAL DE 3GHZ (75 OHM) OTIMIZADO PARA CABO COAXIAL TIPO RG 179 B/U

A LEMO está lançando um novo conector de 3GHz disponível em diversas configurações de insertos/ contatos internos, fornecendo uma solução alternativa ao conector HD-BNC para o mercado de transmissão de sinais (HDTV, 4K, 8K).

E

ste conector coaxial pode ser usado em diversas configurações de insertos internos, como por exemplo: 3 x contatos coaxiais, 4 x contatos coaxiais, 10 x contatos coaxiais, bem como em combinações mesclando contatos coaxiais e contatos de baixa tensão.

MAIS INFORMAÇÕES

Finalmente, esses novos conectores podem ser disponíveis em versões à prova d´água (IP 68), como os conectores LEMO Push-Pull das séries K, T ou mesmo W.

09 | Automação | Dezembro 2017

32

Para maiores informações, por favor acesse o catálogo abaixo: www.lemo.com/catalog/ROW/UK_English/3GHz_75_ ohms_connector_for_4k_8k_HDTV.pdf www.lemo.com


Encontre todas as novidades em: www.revista-automacao.com

A fonte de informação em automação industrial

Profile for Induportals Media Publishing

Automaçao 9  

A Revista Automação é a fonte de informação em automação, fornecendo visões gerais de mercado, estudos de caso e lançamentos de novos produt...

Automaçao 9  

A Revista Automação é a fonte de informação em automação, fornecendo visões gerais de mercado, estudos de caso e lançamentos de novos produt...

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded