{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade.

Page 1

ATITUDES SUSTENTÁVEIS, UMA CULTURA EM NOSSO DNA O que as empresas do Grupo vêm fazendo para preservar o Meio Ambiente

Grupo José Alves / 1

Revista GJA Edição 03 .indd 1

14/06/2017 16:29:18


PALAVRA DO PRESIDENTE Diretores José Alves Filho Presidente

Aldo Fernandes

Diretor-Superintendente Refrescos Bandeirantes

Jailton Batista

Diretor-Superintendente VITAMEDIC

Nelson de Carvalho Filho Diretor-Superintendente UNIALFA

Dejair Resende

Diretor-Superintendente Red&White e 3T Systems

João Ricardo Alves Diretor-Superintendente NL

Conselho Editorial Aldo Fernandes

Diretor-Superintendente Refrescos Bandeirantes

Douglas Lacerda

Gerente de SGN - Refrescos Bandeirantes

Juliano Ribeiro

Gerente de RH - Refrescos Bandeirantes

Vanilde Ramos

Supervisora de Marketing e Eventos - UNIALFA

Zélia Rodrigues

EDITORIAL

Coordenadora de RH - UNIALFA

Romax Alves

Gerente de Planejamento e Negócios - VITAMEDIC

Joseane Oliveira

Gerente de RH - VITAMEDIC

Gustavo Oliveira

Gerente de Marketing - Red&White

Bruna Oliveira

Supervisora de RH - Red&White

Caroline Motta

Gerente de Marketing - NL Negócios Imobiliários

Produção da Revista Karin Hagy Editora Responsável

Fernando Machado Coordenador de Comunicação

Astero Mota

Jornalista / MTE 2233 GO

Samuel Santos

Assistente de Comunicação

Impressão Gráfica Art 3

Distribuição Gratuita e dirigida

Tiragem

4.000 exemplares

RUA 2, S/N, QD 17, SETOR BARCELOS, TRINDADE, GO CEP 75.383-270

T

odos nós temos direito à qualidade de vida. Para tanto, é fundamental viver em ambiente plural, ecologicamente equilibrado e protegido. Ao mesmo tempo em que temos direito a uma vida sadia que preze o meio ambiente, temos também o dever de protegê-lo para as futuras gerações. Respeitar o meio ambiente faz parte dos valores do Grupo José Alves, e praticar ações por meio de seus recursos e funcionários, que resultam na preservação ambiental, também faz parte da cultura da corporação. Ao longo dos seus quase 55 anos, o Grupo José Alves tem implantado programas e políticas ambientais que refletem o posicionamento da companhia no mercado como uma empresa ética, consciente e ambientalmente responsável. Com investimentos no desenvolvimento de tecnologias para tratamento do lixo industrial, reciclagem de produtos e prevenção à poluição, a empresa consegue obter soluções práticas e eficientes para a proteção do meio ambiente e melhoria da qualidade de vida de seus funcionários e das comunidades em que atua. Podemos citar alguns projetos

que são conduzidos nas empresas do Grupo José Alves, tais como a Reciclagem de Embalagens (alumínio e PET) na Refrescos Bandeirantes, Rembal e Rebica. Adequação da Iluminação com tecnologia LED em 100% das empresas do GJA, buscando redução do consumo de energia com eliminação de contaminantes das atuais lâmpadas por mercúrio e dióxido de carbono. Todas as lâmpadas que foram substituídas serão descartadas de forma ecologicamente correta, com destinação e registro dos descartes. O produto CLSi, desenvolvido pela Red&White e pela 3T Systems, reduz o consumo de combustível da frota de distribuição, o que contribui para a queda do nível de emissão de carbono. A VITAMEDIC devolve para o meio ambiente a água que utiliza na produção dos medicamentos totalmente limpa. Assim, o compromisso do Grupo José Alves com o meio ambiente está diretamente relacionado à sua responsabilidade social, uma vez que todas as diretrizes visam o ser humano como ator principal. Somos um Grupo de Empresas socialmente responsáveis.

José Alves Filho

Presidente do Grupo José Alves

Grupo José Alves / 2

Revista GJA Edição 03 .indd 2

14/06/2017 16:29:19


NL

NL REALIZA GRANDES INAUGURAÇÕES NO SEMESTRE

C

om sua inauguração no início de maio, a Empório Case é uma loja premium, repleta de acessórios com altíssima qualidade e assistência técnica diferenciada para as mais diversas marcas e modelos de aparelhos celulares. O Laboratório Núcleo, referência em análises clínicas em Goiás, abre suas portas no final de junho, agregando ainda mais valor para o centro comercial. Com mais de 30 unidades localizadas estrategicamente para atender os clientes da Região Metropolitana de Goiânia e do interior do Estado de Goiás, chega agora ao Perimetral Open Mall, complementando o mix de serviços. O compromisso do Laboratório Núcleo é com a ética e o atendimento humanizado de seus clientes. O Núcleo também

está a serviço da classe médica para auxiliar no diagnóstico das patologias e contribuir com um grau de tecnologia acentuado na qualidade de vida dos cidadãos. Para encorpar ainda mais o time de lojistas, o Perimetral Open Mall, assinou em abril o contrato com o Sicoob Goiânia. Com inauguração prevista para o final de julho, a cooperativa oferece uma linha de produtos e serviços financeiros completa: contacorrente, crédito, investimento, cartões, previdência, consórcios, seguros, cobrança bancária, adquirência de meios eletrônicos de pagamento, entre outros. Essa será a 4ª agência do Sicoob Goiânia, que já atua há mais de 20 anos em Goiânia, Senador Canedo e Aparecida de Goiânia. Todos estes serviços são disponibilizados aos seus associados

com grandes diferenciais, como o bom atendimento, juros e tarifas mais atrativas quando comparados aos bancos tradicionais. O Sicoob é o maior sistema financeiro cooperativo do País, com mais de 3,6 milhões de associados, 2,5 mil pontos de atendimento, distribuídos em todo o território brasileiro. Embora ofereça todos os produtos e serviços bancários, uma cooperativa de crédito não é banco, uma vez que não visa ao lucro ela distribui os seus resultados financeiros entre os seus associados, que são correntistas e donos da instituição. Aguardamos no Perimetral Open Mall, a visita de todos os colaboradores, familiares, e amigos para prestigiar nossos lojistas e também no Republica Street Mall para conhecer o empreendimento. Grupo José Alves / 3

Revista GJA Edição 03 .indd 3

14/06/2017 16:29:19


CAPA

EMPRESAS SUSTENTÁVEIS DO GRUPO JOSÉ ALVES

A

qualidade de vida e o futuro das novas gerações dependem da preocupação e do cuidado com o meio ambiente por parte da sociedade. Atitudes sustentáveis - gastar menos água, economizar energia elétrica e reciclar as embalagens - são ações que fazem a diferença no dia a dia dos colaboradores das empresas do Grupo José Alves. Preservar o meio ambiente é uma cultura que está no DNA do Grupo José Alves há mais de

50 anos e que atravessa gerações, contribuindo para o bem do planeta. Exemplo deste compromisso são os coletores de resíduos orgânicos e recicláveis instalados em todas as empresas do grupo, facilmente identificados por cores diferentes para cada tipo de objeto. Desde 2012, a Refrescos Bandeirantes desenvolve o projeto “Mais Água Mais Vida” que tem como prioridade o uso eficiente e racional da água, a sua maior matéria-prima no pro-

cesso produtivo da indústria. A companhia trata 100% de todo o resíduo líquido gerado pela unidade, por meio da Estação de Tratamento de Efluentes (ETE). Em seguida, é devolvido ao meio ambiente. Todas as embalagens pósconsumo da Refrescos Bandeirantes têm destino certo. As embalagens de vidro são 100% retornáveis para a companhia. Já as garrafas PET são recolhidas e destinadas às empresas de reciclagem parceiras.

Grupo José Alves / 4

Revista GJA Edição 03 .indd 4

14/06/2017 16:29:20


Na Rembal, também são realizadas ações socioambientais. Todas as pre-formas de PET e garrafas descartadas são prensadas e destinadas para a reciclagem. Após retiradas do processo, são analisadas e, posteriormente, segregadas. As pre-formas e garrafas descartadas são vendidas no final do mês,

em média dois mil quilos, para empresas parceiras. Instituições filantrópicas parceiras recebem parte dos recursos. Na Rebica, todos os matériais recicláveis - plásticos e papelões, rolhas plásticas, caixas de pré-formas - são descartados dos processos, segregados em duas caçambas e,

D

esde 2005, a Refrescos Bandeirantes desenvolve projeto de apoio às cooperativas de reciclagem, que recebem uniformes e EPIs para a melhoria da condição de trabalho dos cooperados. O projeto socioambiental começou em 2006, na Associação de Combate ao Câncer de Goiânia (ACCG), com o surgimento da Lei 12.305, que obriga todas as indústrias que comercializam embalagens a recolher 10%, a Refrescos Bandeirantes aumenta, a cada ano, o índice de

posteriormente, são coletados semanalmente por empresas terceirizadas. Parte dos valores é destinadas às instituições filantrópicas parceiras. Até mesmo os resíduos perigosos, que não geram receitas para a Refrescos Bandeirantes, são destinados à empresa de coprocessamento, para o bem do meio ambiente.

recolhimento de PET, juntamente com as cooperativas de reciclagem parceiras. Em 2008, este índice era de 0,89%. No ano passado, registrou expressivo crescimento, chegando a 63,38% de garrafas PET que seriam jogados no lixo. Atualmente, a Refrescos Bandeirantes apoia 25 cooperativas de reciclagem em Goiás e cinco empresas noTocantins. Todos os anos, a companhia premia as cooperativas parceiras mediante a conquista de metas de recolhimento de PET. Grupo José Alves / 5

Revista GJA Edição 03 .indd 5

14/06/2017 16:29:24


MEIO AMBIENTE

A

VITAMEDIC desenvolve todos os anos vários programas de gestão ambiental e treinamentos que visam criar uma cultura ambiental junto aos seus colaboradores. São eles: Coleta Seletiva, Reciclagem, Tratamento e Coprocessamento de Resíduos. Como novidade, em 2017, a Vitamedic investirá R$ 295 mil na construção de sua nova Estação de Tratamento de Efluentes Industriais, cujo método de tratamento químico será através da oxidação avançada por reagente de Fenton. O investimento irá propiciar excelentes resultados,

além da não geração de subprodutos tóxicos. Inclusive, o investimento contempla automação de todo processo, de forma a melhorar ainda mais a sua eficiência. A VITAMEDIC optou para o seu tratamento por um processo físicoquímico, no qual as alterações nos substratos, são facilmente neutralizadas com a alteração na dosagem dos insumos químicos, obtendo assim, um resultado com alto índice de eficiência no tratamento. “O grande objetivo da área ambiental é a busca da redução contínua no descarte residual através da otimização dos processos e consequente

reaproveitamento, pois na Indústria Farmacêutica ocorre o aproveitamento quase na totalidade dos produtos que processamos”, declara Giovana Bettoni, Responsável Técnica da VITAMEDIC.

UNIALFA desenvolve ações internas de preservação ao meio ambiente

S

ão muitos os fatores causados pela ação do ser humano no impacto e degradação do meio ambiente, como a destruição dos mananciais, poluição e o desmatamento, o que reflete na crise no fornecimento de água, nas alterações climáticas e na péssima qualidade do ar que respiramos. Preocupado com este cenário, o UNIALFA – Centro Universitário Alves Faria, assim como outras empresas do Grupo José Alves, implantou uma medida para colaborar com a preservação do meio ambiente, substituindo as lâmpadas fluorescentes por lâmpadas de LED. A tecnologia LED (Light Emitting Diode – Diodos Emissores de Luz) é apontada como alternativa ecologicamente correta para a iluminação de am-

bientes, já que proporciona uma redução no consumo de energia, quando comparada ao que conhecemos hoje. De acordo com pesquisa realizada pelo Diretor de Produção Industrial e Logística do Grupo José Alves, Roneidson Brandão, a medida proporcionará uma economia de R$ 3 milhões em oito anos a UNIALFA, cerca de R$ 375 mil por ano. Além da economia financeira, a substituição das lâmpadas contribui para a preservação do meio ambiente. A luz produzida pelo LED, mesmo em alta quantidade, não emite raios infravermelhos e ultravioletas, não utiliza gases, materiais tóxicos ou metais pesados em sua composição, o que permite o descarte em lixo normal.

Grupo José Alves / 6

Revista GJA Edição 03 .indd 6

14/06/2017 16:29:28


Red&White Solutions e 3T Systems desenvolvem ferramenta de redução de custos

C

omo se sabe, os carros, caminhões e motos estão no grupo dos maiores agentes poluidores do meio ambiente ao emitirem dióxido de carbono (CO2). Atualmente, os motoristas estão mais conscientes para a necessidade de reduzir ainda mais o consumo de combustível. Para atender a esta demanda de motoristas que querem economizar e colaborar com o meio ambiente, a Red&Whi-

te Solutions e a 3T Systems, do Grupo José Alves, desenvolveram a solução CLSi log, uma ferramenta completa para o controle e otimização de frotas de ponta a ponta. O CLSi gera relatórios precisos para análise de desempenho do motorista, trajetos e desvios, fazendo com que o seu trajeto seja mais econômico e gastando menos combustível.

Reduza o consumo de papel, reutilize o papel para evitar desperdício e recicle sempre!

SEIS

MANEIRAS EFICIENTES PARA VOCÊ AJUDAR A PRESERVAR O MEIO AMBIENTE

A coleta seletiva deixa nossas empresas mais limpas e protege o meio ambiente ao gerar menos lixo. Faça sua parte! Sempre que for se ausentar por mais de meia hora, vale a pena desligar o computador. Um bom exemplo é na hora do almoço. Em casa ou no escritório, descarte pilhas e baterias em locais corretos.

Esses pequenos detalhes podem transformar a redução de combustível em mais qualidade de vida e ainda ajudar a preservar o meio ambiente. Procure trocar as lâmpadas comuns por lâmpadas de Led, que são muito econômicas e têm longa durabilidade.

Manter o carro sempre com a manutenção em dia reduz o índice de poluentes, além de economizar. Para isso, faça sempre a Inspeção Veicular Ambiental. (carros leves, a cada 10 mil quilômetros rodados; caminhões, a cada 20 mil ou 30 mil quilômetros rodados, e motos a cada mil quilômetros rodados).

Grupo José Alves / 7

Revista GJA Edição 03 .indd 7

14/06/2017 16:29:30


REFRESCOS BANDEIRANTES

REDUÇÃO DE AÇÚCAR NOS PRODUTOS COCA-COLA BRASIL

A

Coca-Cola Brasil está reduzindo o açúcar das bebidas de seu portfólio por meio da reformulação de suas receitas, preservando o sabor que os consumidores gostam. No início de 2017, a Coca-Cola lançou a estratégia de marca única para oferecer mais opções de escolhas com novo reposicionamento da marca. Além disso, as três versões da bebida – original, zero e Stevia 50% menos açúcares – tiveram suas emba-

lagens redesenhadas. A CocaCola Zero ganhou novo sabor e um pequeno sobrenome. Agora se chama Coca-Cola Zero Açúcar e é tão gostosa quanto a versão regular. A redução do consumo de açúcar é um tema bastante discutido em vários segmentos da sociedade. O objetivo da Coca-Cola Brasil é ajudar o consumidor a fazer escolhas conscientes – oferecendo cada vez mais opções de bebidas e informações transpa-

rentes. O portfólio traz uma variedade com mais de 150 produtos, entre refrigerantes, chás e sucos, mas a liberdade de escolha do consumidor vai ainda mais longe. O incentivo começou em 1982, quando foi lançada a Diet Coke, primeira versão da bebida sem açúcar, que chegou ao Brasil no mesmo ano. Em 1997 foi a vez da Coca-Cola Light, e, em 1999, o guaraná Kuat Light. Atualmente, estão disponíveis versões sem adi-

Grupo José Alves / 8

Revista GJA Edição 03 .indd 8

14/06/2017 16:29:30


ção de açúcar de Fanta Laranja, Sprite, Coca-Cola, Matte Leão, entre outros produtos. Nos últimos três anos, 42 bebidas já foram modificadas, incluindo as linhas Del Valle Néctar, Del Valle Frut e os guaranás regionais, que tiveram seu teor de açúcar reduzido. No primeiro trimestre de 2017, foram lançadas as novas receitas de Fanta Uva e Fanta

Laranja, com 25% menos açúcar que a média do mercado. O sabor laranja ganhou também a adição de vitamina C. Entre as mais de 150 opções de bebidas da Coca-Cola Brasil, cerca de 80% já possuem versões com baixa ou nenhuma caloria. Só este ano, 15 produtos tiveram a quantidade de açúcar reduzida em 25%, incluindo o Del Valle Frut e a

linha de guaranás regionais (Taí, Simba, Charrua e Guarapan). Outra novidade neste ano foi o lançamento da Coca-Cola Laranja e Coca-Cola Limão Siciliano, que chegaram para reforçar a plataforma premium da marca. A novidade por aqui é a redução de quase 30% de açúcar em relação à CocaCola original. A fórmula traz a mistura de açúcar e adoçantes.

Entre as mais de 150 opções de bebidas da Coca-Cola Brasil, cerca de 80% já possuem versões com baixa ou nenhuma caloria.

Grupo José Alves / 9

Revista GJA Edição 03 .indd 9

14/06/2017 16:29:31


VITAMEDIC

MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA, SIMILAR E GENÉRICO QUAL A DIFERENÇA?

H

á alguns anos, as expressões medicamento Genérico, Similar e Referência passaram a fazer parte do cotidiano das pessoas que necessitam de tratamento de saúde ou que trabalham

com a saúde. A partir de 2015, elas ficaram mais evidentes no Grupo José Alves, após a aquisição da VITAMEDIC - Indústria Farmacêutica. Mas muita gente ainda tem dúvidas na hora de optar por um deles.

Medicamento Genérico É o que possui o mesmo princípio ativo, o mesmo efeito, as mesmas contraindicações, a mesma dosagem, a mesma forma farmacêutica (drágea, líquido, pomada, injetável) e a mesma indicação terapêutica de um medicamento de Referência. Conforme normas da Anvisa, órgão que regula o setor, o Genérico precisa passar por vários testes científicos que comprovem que será absorvido no organismo da mesma forma

que o Referência, e ser eficaz como ele. Assim, o Genérico pode substituir o de Referência e vice-versa, podendo o farmacêutico fazê-lo no balcão da farmácia, sem prejuízo ao tratamento do paciente. Além disso, por utilizar a fórmula do Referência e não ter custos de desenvolvimento, a Anvisa determina por lei que ele seja no mínimo 35% mais barato do que o Referência, mas, em função da concorrência, ele pode ser até 50% mais baixo.

Grupo José Alves / 10

Revista GJA Edição 03 .indd 10

14/06/2017 16:29:32


Medicamento de Referência O medicamento de Referência também é popularmente chamado de “medicamento de marca”. É o primeiro cujo princípio ativo obteve registro junto aos órgãos reguladores no País. Para isso, foram realizadas pesquisas científicas para seu desenvolvimento e testes laboratoriais que comprovem sua eficácia. Muitas vezes, podem demorar décadas até um

medicamento de Referência chegar ao consumidor. Os custos de todo esse processo são incluídos na composição do preço de venda. Isso explica porque eles costumam ser 50% mais caros do que os Genéricos e Similares. Depois de alguns anos de venda exclusiva, estes produtos perdem a patente e podem ser reproduzidos por outros laboratórios.

Medicamento Similar Os medicamentos Similares são essencialmente idênticos aos medicamentos de Referência em termos de administração, indicação terapêutica e posologia, passando inclusive por vários testes laboratoriais. O fabricante pode desenvolver sua própria marca, optando por não comercializar com o nome do princípio ativo. Neste

caso, o Ministério da Saúde não permite trocar a receita de um Referência por um Similar no balcão da farmácia. A Anvisa autoriza algumas diferenças superficiais entre Similar e Referência, como formato da apresentação, prazo de validade, rotulagem e embalagem, mas a diferença mais significativa é apenas no nome comercial da medicação.

A substituição dos medicamentos de Marca pelos Similares ou Genéricos é totalmente segura e garantida pelos órgãos reguladores do Governo.

Grupo José Alves / 11

Revista GJA Edição 03 .indd 11

14/06/2017 16:29:33


VITAMEDIC

OTC - Produtos Isentos de Prescrição Médica OTC são produtos de venda livre que não necessitam de prescrição médica e podem ser expostos nas gôndolas e balcões das farmácias. São muito populares e de ação terapêutica já comprovada como antigripais, antitérmicos, vitaminas, antimicóticos, etc.

INVESTIMENTOS E QUALIDADE A VITAMEDIC fabrica Similares, Genéricos e OTC´s. Por meio do Grupo José Alves, investe milhões anualmente nos testes e estudos para certificações que garantem a qualidade, segurança e eficácia dos medicamentos VITAMEDIC, para entregar aos consumidores produtos de alta qualidade e preços acessíveis.

Grupo José Alves / 12

Revista GJA Edição 03 .indd 12

14/06/2017 16:29:34


Grupo José Alves / 13

Revista GJA Edição 03 .indd 13

14/06/2017 16:29:35


FADISP

O DIREITO MILITAR E SUA PROMISSORA ÁREA DE ATUAÇÃO O sucesso do curso na FADISP

O

ramo do Direito Militar recebe este nome por atuar em assuntos relacionados às Forças Armadas, Exército Brasileiro, Marinha de Guerra e militares estaduais, que são integrantes das polícias militares e do Corpo de Bom-

beiro militar. O militar é responsável pela manutenção da segurança e deve ser tratado como profissional, sendo-lhe asseguradas todas as prerrogativas necessárias ao exercício de suas funções, assim como ocorre com as demais pessoas, que

vivem em terra brasileira. A palavra militar possui um significado mais amplo que deve ser distinguido. Os integrantes das Forças Armadas, Exército, Marinha e Força Aérea são denominados de militares federais e são responsáveis pela preser-

Grupo José Alves / 14

Revista GJA Edição 03 .indd 14

14/06/2017 16:29:35


vação da segurança nacional, em todo o território brasileiro. Os integrantes das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares são os estaduais, sendo responsáveis pela preservação da ordem pública em seus três aspectos públicos: segurança, salubridade e tranquilidade. Porém, há muita discussão em relação à Justiça Militar, porque alguns consideraram sua existência um privilégio, já que em várias ocasiões, a Justiça Militar prevê julgamento separado para os oficiais que cometeram uma mesma infração que um civil. Já por outro lado, os defensores de sua existência

entendem que o direito militar tende a proteger não apenas os militares em si, mas sim as instituições militares estaduais, do Distrito Federal e da União. Na área penal, inclusive, as penas são em grande parte mais rígidas que aquelas que se encontram estabelecidas no Código Penal Brasileiro. Pensando nessa área promissora, a FADISP, que é uma das cinco instituições do Estado de São Paulo autorizadas e reconhecidas pelo MEC e pela Capes, a ministrar doutorado em Direto, apresenta a PósGraduação em Direito Militar. Com a primeira turma fechada, o curso conta com a coordenação do renomado João Carlos Campanini, advogado, professor e especialista em Direito Militar pelo Exército Brasileiro. A Pós-Graduação apresenta como temas estudados e um dos diferenciais, os assuntos: Direitos Remuneratórios para Policiais Militares, Bombeiros e Forças Armadas, Reprovações em Concursos Públicos, Direito Previdenciário Militar, Tribunal do Júri com grandes nomes, Ética e Prerrogativas Profissionais dos Advogados e sua atuação em Órgãos de Corregedoria e Órgão Judiciais. Conta também, com aulas práticas e julgamentos simulados ministrados no plenário do complexo jurídico da Oliveira Campanini Advogados Associados. Também contará com módulos específicos para gestão e empreende-

dorismo, de como montar um escritório de advocacia na área do Direito Militar e estudos de pericias criminais. Como objetivo, o curso promete capacitar profissionais para atuar na área de Direito Militar, nas lides jurídicas que envolvem o universo castrense, podendo exercer defesa, acusação ou judicatura nos processos cíveis e de natureza acusatória. Conta com o público alvo, bacharéis em Direito, advogados, promotores de justiça, juízes de Direito, procuradores e demais operadores do Direito. Também interessa a oficiais e aspirantes das Polícias Militares, das Forças Armadas e a profissionais que buscam aprimoramento técnico para atuar na Administração Militar, bem como aqueles que vão prestar concursos junto ao Poder Judiciário, seja Militar ou Civil. Devido à grande procura e sucesso na FADISP, o UNIALFA - Centro Universitário Alves Faria está com as inscrições abertas para Pós-Graduação em Direito Militar, disponíveis a partir do 2º semestre. Confira informações: Início: 2º Semestre Periodicidade: Sábados quinzenais Horário: Das 08h às 17h Valor: 24 parcelas de R$ 499,00 Grupo José Alves / 15

Revista GJA Edição 03 .indd 15

14/06/2017 16:29:36


Grupo José Alves / 16

Revista GJA Edição 03 .indd 16

14/06/2017 16:29:37


RED&WHITE

SAP VIRTUAL DAY DISCUTE A MODERNIZAÇÃO DO ESPORTE

A

Red&White promoveu, no 1º trimestre, um evento especialmente para acompanhar a 3ª Edição do SAP Virtual Day. Em parceria com a SAP e outras consultorias de T.I. especializadas do País, o evento foi transmitido para mais de 900 espectadores registrados. Alguns clientes, como a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a Helmaq, acompanharam o debate em um café da manhã na R&W. O evento contou com a participação do Diretor-Financeiro (CFO) da Sociedade Esportiva Palmeiras, Luciano Paciello,

que falou sobre o processo de modernização da equipe paulista dentro e fora de campo, com a aquisição do software SAP Business One, também comercializado pela R&W. A SAP tem uma forte presença no setor de esportes em todo o mundo e fornece tecnologias para as ligas norte-americanas de basquete e futebol americano, (NBA e NFL), o time de basquete Philadelphia 76ers, para a equipe inglesa de Fórmula 1 McLaren, entre outras instituições ligadas ao esporte. No evento, outros temas foram debatidos, entre eles, sobre

como utilizar a tecnologia a favor da empresa, com o Gerente de Pré-Vendas SAP, Franklin Bruno, e sobre como aumentar sua competitividade e permanecer no mercado, com o Consultor em Inovação e Empreendedorismo Renato Santos. O B1 (Business One, como é conhecido no setor de T.I.) é um sistema de gestão voltado para pequenas e médias empresas. Atualmente, a R&W, além de comercializar a solução, também está implementando o projeto no cliente Peak Automotiva, localizada na cidade de Anápolis-GO.

Software SAP, comercializado e utilizado pela R&W é usado por grandes no esporte

Grupo José Alves / 17

Revista GJA Edição 03 .indd 17

14/06/2017 16:29:42


HOLDING

1º ENCONTRO DE ALINHAMENTO ESTRATÉGICO DE RH

O

primeiro Encontro de Alinhamento Estratégico de Recursos Humanos do Grupo José Alves, realizado no dia 9 de maio, no Centro Universitário Alves Faria (UNIALFA), reuniu 25 profissionais de todas as nossas Empresas. A iniciativa foi coordenada pelo RH Holding e parceiros corporativos Desenvolvimen-

to Organizacional (DO), Endomarketing e FOPA Centralizada, com o objetivo de alinhar desafios, processos, modelo de gestão matricial RH10 (indicadores Globais e Específicos), aproximar e compartilhar melhores práticas de processos de RH. Na oportunidade, também foi apresentada a nova Visão do RH Holding, focada em “Estabe-

lecer um Sistema de Gestão de RH que exceda a excelência das melhores práticas observadas no mercado”. Esta visão irá nortear nossas ações visando garantir a contínua evolução dos processos de RH, de forma integrada com todas as empresas do GJA, bem como apoiar as operações na obtenção de melhores resultados, com maior satisfação e orgulho dos nossos colaboradores.

Grupo José Alves / 18

Revista GJA Edição 03 .indd 18

14/06/2017 16:29:45


Grupo José Alves / 19

Revista GJA Edição 03 .indd 19

14/06/2017 16:29:52


Grupo José Alves / 20

Revista GJA Edição 03 .indd 20

14/06/2017 16:29:52

Profile for Grupo José Alves

Revista Grupo José Alves - Edição 3  

Revista Grupo José Alves - Edição 3  

Advertisement