Page 1

Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Análise do Mapa Natal de Louise Hay

“Dentro de nós estão as respostas para todas as perguntas que podemos fazer. Você não tem ideia de quanto é sábio!” Louise Hay

Página 1 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Página 2 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Biografia Louise Hay é conhecida mundialmente como sendo uma das fundadoras do conceito de “autoajuda”. O seu primeiro livro “Cure o seu Corpo”, foi publicado em 1976, muito antes da discussão da conexão entre corpo e mente se ter tornado uma moda. Revisto e expandido em 1988, este best-seller introduziu o conceito de Louise a pessoas de 33 diferentes países e está a ser traduzido para outros 25 idiomas mundiais. Através das técnicas de cura e de filosofia positiva de Louise, milhões têm aprendido como criar mais do que eles querem para as suas vidas, incluindo bem-estar para o seu corpo, mente e espírito. A sua filosofia pessoal surgiu da sua complicada educação e história de vida. A sua infância foi pobre e instável e a sua juventude foi marcada por abusos. Louise saiu de casa e foi parar a Nova Iorque, onde se tornou modelo e casou e com um próspero homem de negócios. Apesar de parecer que deu a volta por cima, somente 14 anos depois, com o fim do seu casamento é que a sua cura realmente começou. Louise iniciou o que viria a ser o trabalho da sua vida em Nova Iorque, em 1970. Acompanhava encontros na Igreja da Ciência da Mente e iniciou uma formação no programa de ministérios. Tornou-se uma popular oradora da Igreja e logo formou ela mesma um grupo de clientes. Este trabalho rapidamente floresceu como uma carreia de tempo integral. Após vários anos, Louise compilou um guia de referência detalhando as causas mentais das doenças físicas e desenvolveu padrões positivos de pensamentos para reverter o avanço da doença. Esta compilação foi a base para “Cure o seu corpo”, também conhecido carinhosamente como o “livrinho azul”. Começou a viajar pelos Estados Unidos ministrando Workshops sobre como nos amar a nós mesmos e curar as nossas vidas. Louise estava apta para colocar a sua filosofia em prática quando lhe foi diagnosticada uma doença cancerígena. Considerou as alternativas de cirurgia e de drogas e, ao invés, desenvolveu um intensivo programa de afirmações, visualizações, reequilíbrio nutricional e psicoterapia. Dentro de seis meses estava completamente curada do cancro. Em 1980 Louise regressou à sua terra natal, o sul da califórnia, e foi ali que começou a colocar os seus métodos no papel. Em 1984, o seu novo livro, “Pode Curar a sua Vida”, foi publicado. Nele, Louise explica como as nossas crenças e ideias sobre nós mesmos são quase sempre a causa dos nossos problemas emocionais e físicos, e como, usando certos métodos, podemos transformar os nossos pensamentos e as nossas vidas para melhor. “Pode Curar a sua Vida” emplacou no topo dos mais vendidos do New York Times e permaneceu assim durante 13 semanas consecutivas. Mais de 35 milhões de cópias foram vendidas até então por todo o mundo. Em 1985 Louise iniciou o seu famoso grupo de apoio “The Hayride”, com seis homens diagnosticados com SIDA. Em 1988 o grupo ampliou-se semanalmente reunindo 800 pessoas e mudou-se para um auditório em West Hollywood. Mais uma vez Louise iniciou um movimento de amor e de apoio muito antes das pessoas colocarem faixas vermelhas nas suas lapelas. Foi durante esse período que ela escreveu o seu livro “SIDA: Criando uma aproximação positiva”, baseado nas suas experiencias com este poderoso grupo. Atualmente Lidera a “Hay House”, uma editora de sucesso. O que iniciou como um pequeno empreendimento na sala de sua casa tornou-se uma próspera corporação que tem vendido mais de 10 milhões de livros e áudios desde a sua criação. “Hay House” constitui-se de notáveis autores do movimento de autoajuda, incluindo Wayne Dyer, Joan Borysenko e Página 3 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Doreen Virtue, entre outros. As “The Hay House Fundation” e a “Louise L. Hay Charitable Fund”, são duas organizações sem fins lucrativos estabelecidas por Louise, que apoiam diversas organizações que sobre SIDA, mulheres, entre outras. A mensagem de Louise tem sido o assunto de muitos artigos de jornais e de revistas. Tem aparecido na televisão por todo o mundo e a sua coluna mensal “Dear Louise” é exibida em mais de 50 Publicações nos Estados Unidos da América, Canadá, Austrália, Espanha e Argentina. Aos 81 anos lançou o seu primeiro filme “Você pode Curar a sua Vida”. Quando não está a viajar, adora pintar, jardinar e dançar na sua casa em San Diego, Califórnia. Fonte: http://www.louisehay.com/

Mais sobre Louise Pode Curar a sua vida – filme: https://www.youtube.com/watch?v=TYI0pUnUjAo Pode curar a sua vida – livro: http://uwsb.com.br/upload/downloads/20090217_voce_pode_curar_a_sua_vida__louise_hay.pdf Hay House: http://www.hayhouse.com/ Meditações para a manhã e para a noite: http://rocanazaro.com.br/assets/2013/04/meditacoes-manha-noite.pdf O poder das afirmações positivas: http://alma-da.org/poderafirmapo.pdf

Página 4 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Ao analisarmos o mapa natal de Louise podemos verificar que no mesmo está representada uma cruz em desequilíbrio, com o ASC (Ascendente) e o DSC (Descendente) posicionados em Signos Fixos (neste caso Leão e Aquário, respetivamente) e o Meio do Céu (MC) e o Fundo do Céu (FC) em Signos Cardeais (neste caso Carneiro e Balança, respetivamente), o que nos sugere uma personalidade dotada de afinco e determinação, bem como com uma capacidade de persistência, fundamentais para a consecução dos seus objetivos.

Ascendente: Leão Meio do Céu: Carneiro Cardeais: 4

Descendente: Aquário Fundo do Céu: Balança Fixos: 5

Mutáveis: 1

Há uma predominância dos Elementos Ar e Água e carência dos Elementos Fogo e Terra (tem 4 planetas posicionados em signos de Ar, 4 em Signos de Água, 1 em Signo de Fogo e 1 em Signo de Terra). A carência do Elemento Fogo tempera a sua personalidade com algumas dificuldades associadas à iniciativa, à auto expressão, alguma passividade, apatia, falta de confiança e pessimismo. Denota-se, também, dificuldades em se envolver nas situações com as quais se possa deparar. A carência do Elemento Fogo confere-lhe tendência a manifestar pouco sentido prático, em ter dificuldades na passagem da ideia à forma, não produtividade, pouco realismo e desapego. Existe um equilíbrio entre os elementos de Ar e de Água, embora estejam em excesso no seu mapa. O excesso de Ar confere-lhe superficialidade, necessidade constante de comunicar, alguma frieza e distanciamento, hiperatividade, facilidade em se perder no mundo das ideias e pouco contacto com a realidade física. O excesso de Água confere-lhe tendência a se identificar em demasia com as próprias emoções, introversão, estados depressivos e paranoicos, obsessividade e a faculdade de viver no mundo da fantasia e da ilusão, bem como tendência para controlar emocionalmente os outros ou a ser controlada, e alguma dificuldade em expressar os seus sentimentos. Denota-se assim um temperamento condicionado pelos pensamentos emotivos, à vivência de realidades mais subtis, em detrimento da realidade concreta. Quatro planetas posicionados em Signos Cardeais (Sol em Balança, Mercúrio em Balança, Vénus em Balança e Plutão em Caranguejo), apontam para o despertar da sua iniciativa através de experiências transformadoras, colocando em causa a fraqueza do seu self. Esta tendência vivencial, densa e expurgante, retirando todos os seus valores e crenças da sua zona de conforto, abanando as mais íntimas estruturas do seu ser, conduziram-na ao mais profundo caos, até que conseguiu transcender e comunicar o seu exemplo de vida aos outros. Cinco planetas posicionados em signos Fixos (Lua em Escorpião, Marte em Touro, Júpiter em Aquário, Saturno em Escorpião e Neptuno em Leão) apontam para a persistência da profundidade das suas emoções e para o impulso contido e reprimido das suas ânsias, através do profundo conhecimento da sua essência e da solidez do seu conhecimento, combatendo Página 5 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

todos os seus fantasmas, medos, receios e obstáculos, levando o seu exemplo aos outros e ao coletivo. Úrano em Peixes confere-lhe a flexibilidade necessária para atuar de acordo com o desenvolvimento da humanidade, ajustando-se e adaptando-se a todas as situações de forma natural e singela. Também o gosto pela pesquisa e pelo mundo das tendências alternativas e da espiritualidade. Tudo isto com base em muito sofrimento, colocando como objeto despontador a profundidade das emoções e a fragilidade do seu self, transformando-a numa mulher forte, batalhadora e guerreira em prol do bem da humanidade. Planetas Fogo 1 Neptuno em Leão

Terra Ar 1 4 Marte retrógrado em Sol em Balança Touro (Detrimento) (Queda) Mercúrio em Balança Vénus em Balança (Domicílio) Júpiter retrógrado em Aquário

Água 4 Lua em Escorpião (Queda) Saturno em Escorpião Úrano retrógrado em Peixes Plutão em Caranguejo

Hemisfério Diurno: 4 planetas

Hemisfério Noturno: 6 planetas

Hemisfério Ocidental: 5 planetas

Hemisfério Oriental: 5 planetas

Existe uma predominância da localização de planetas no hemisfério noturno, remetendo-nos para a sua parte inconsciente e apontando-nos que atingirá o social depois de se encontrar, após se ter voltado para o seu interior, para a sua autodescoberta e para o seu propósito de vida. Há um equilíbrio entre a posição dos planetas no hemisfério oriental e no ocidental, remetendo-nos para uma personalidade virada para a ação, com expressão da própria identidade, com iniciativa, com consciência social e com reconhecimento da identidade do outro através do conhecimento de si própria.

Fogo

Outros Pontos Terra Ar Quíron retrógrado Ceres em Balança em Touro Pallas em Balança Vesta em Virgem

Água Lilith em Escorpião Juno retrógrado em Peixes Vesta em Escorpião Parte da Fortuna em Caranguejo Nodo Norte em Caranguejo. Página 6 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Asteroides Ceres a 18 graus de Balança na casa 3 Pallas a 4 graus de Balança na casa 3 Juno retrógrado a 2 graus de Peixes na casa 8 Vesta a 19 graus de Virgem na casa 2 Quíron retrógrado a 0 graus de Touro na casa 10 Ceres em Balança na casa 3 confere-lhe harmonia e doçura para lidar com o próximo, especialmente na sua área de trabalho. Louise é extremamente amorosa e carinhosa com todos os que a rodeiam. Trata os seus funcionários como membros da sua família. Tenta sempre compreender o ponto de vista de cada um, amando-os e aceitando-os tal como são. O mesmo faz a todo e qualquer ser humano, mesmo aqueles que, por qualquer razão, se tentam opor no seu caminho. Influi-lhe uma certa dependência do outro em relação a si própria. Talvez por se ter entregado aos outros em detrimento de si, Louise tenha aprendido a amar-se a si própria em primeiro lugar! A comunicação oral e escrita estão favorecidas, oferecendo-lhe nutrição intelectual. Os distúrbios intestinais são possíveis de surgir, estando a origem nos aspetos psicológicos (enfermidades intestinais associadas ao cancro e ao tipo de alimentação que Louise praticava, bem como todas as suas disfunções psicológicas enquanto não se encontrou a si própria). A nutrição vem-lhe pelo envolvimento com as artes e com a beleza. As coisas singelas da vida são capazes de lhe trazer os maiores prazeres! O desenvolvimento de dons artísticos e culturais, a boa informação e comunicação estão favorecidos, assim como a sua capacidade de dialogar, de palestrar com grande desenvoltura, levando o conforto aos outros através das suas palavras. Louise ama a pintura, a dança e a jardinagem. Aprendeu a cultivar os seus próprios legumes e produtos hortícolas de forma biológica, tendo nessa atividade simples uma das maiores riquezas da sua existência. A pintura e a dança permitem-lhe entrar em contacto com as energias mais subtis da alma, enriquecendo o seu espírito e tornado mais leve e harmoniosa a sua existência. Ótima palestrante, capaz de reunir milhares de pessoas à sua volta, para ouvirem a sua palavra, que percorre o mundo. Pallas em Balança na casa 3 desperta as suas habilidades artísticas e interesses pelo mundo da arte. Influi-lhe tendência para a defesa dos direitos humanos, com ênfase para a oralidade e talento intelectual (palestrante). A palavra é a sua maior força. O poder do pensamento positivo! Confere-lhe ainda a capacidade para resolver os seus problemas junto do seu ambiente mais próximo; para encontrar soluções através das viagens curtas, da comunicação e dos assuntos diários e ainda a faculdade para harmonizar a comunicação, estabelecendo o diálogo, aprendendo a solucionar e a ensinar a solucionar os problemas dos outos, e boa capacidade e habilidade para lidar com problemas sociais e com conflitos, sendo o seu mediador, bem como em lidar com assuntos que envolvem a sociedade. Página 7 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Juno em Peixes na casa 8 remete-a para conexões espirituais com o seu parceiro, desenvolvendo uma natureza compassiva, assim como a grande capacidade de sacrifício para a sua elevação espiritual. Os encontros sexuais são a continuação do processo de regeneração, com tendência para o ciúme e sentimentos de posse. Os relacionamentos mais importantes são aqueles que trazem profundidade e intensidade, onde haja confiança, sexualidade e bens em conjunto, bem como uma propensão para mergulhar no oculto em busca da cura. Influi-lhe a propensão para a atração de um casamento e de um companheiro tipo “conto de fadas”, no entanto, com um relacionamento marcado pela frustração, dissolução e desilusão. No caso de vida de Louise, entregou-se de corpo e alma a um parceiro, o qual desposou, após se ter entregado a vários homens e a relacionamentos fúteis, tendo inclusive engravidado e doado a sua filha para adoção (considerado um grande ato de amor, pois não tinha condições para a criar, entregando-a aos cuidados de um casal, o qual Louise sabia que lhe iria proporcionar um futuro de abundância), em troca de algum afeto para preencher o vazio da sua alma, provocado pela violência do abuso sexual do seu padrasto, com a conivência e passividade da sua mãe. Este seu casamento viria a revelar-se um fracasso, pois todo o mundo de glamour, de requinte e de luxo, que abriu portas a Louise para esta realidade, após a pobreza extrema, viria a revelar-se uma farsa. Foi traída e abandonada pelo marido quando menos esperava! Mais um abanão na sua vida, após tanta entrega e dedicação. Hoje, Louise compreende o desapego do seu casamento como sendo uma necessidade à sua evolução, pois estava presa a um relacionamento que a bloqueava na descoberta da sua verdadeira missão. Vesta em Virgem na casa 2 dá-lhe forte enfase no trabalho e em particular no serviço. Sacrifícios pequenos ou grandes desejos pessoais. Intensa e apaixonada expressão sexual. Leva-a a construir um trabalho sólido e duradouro de forma construtiva, elevando a consciência dos que a rodeiam e, por consequência, contribuindo para a elevação da consciência coletiva. Confere-lhe ainda a capacidade para lidar com detalhes em áreas que necessitam de exatidão e precisão. Talvez neste ponto se encontre o justificativo para a sua carreira sólida e duradoura, com profissionalismo e rigor, contribuindo para uma causa comum. Criou a sua própria editora de apoio a escritores New Age e instituições de caridade, de apoio às franjas marginais da sociedade e a grupos de risco, não esquecendo a defesa dos direitos humanos da mulher, levando-lhes o seu exemplo de dor e de sofrimento, mas também de transcendência, dando o exemplo, através das suas próprias vivências, confirmando assim que onde estão as maiores feridas da existência, desde que transmutadas com sabedoria, qualquer ser humano poderá encontrar a sua maior riqueza e também a sua cura. Quíron em Touro na casa 10 (MC), lembra-nos que, independentemente da carreira escolhida, a sua alma sente-se sempre responsabilizada para cuidar dos outros. Há uma tendência inata para ajudar os outros a serem bem-sucedidos. Indica sacrifício e abnegação que pode estar numa ajuda humanitária. Confere-lhe competências curadoras. Página 8 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Quíron no MC afeta a carreira e a sua imagem pública, mas também o ambiente doméstico, a sua casa e a sua família. Relembra-nos que a ferida está no corpo e na perda do sentimento de segurança, ou da autoestima, e que o corpo e a alma têm de ser integrados. A cura está em encontrar a sua segurança interior. Influi-lhe a tendência para permanecer indiferente ao sofrimento dos outros até sentir o mesmo na pele. A cura está em encontrar a autoridade interior em vez de aceitar o autoritarismo da sociedade. Quíron em Touro, numa posição forte no seu mapa natal, a casa 10, o domicílio do apogeu do horóscopo, o meio-dia, o sol no seu ponto mais alto, traz-lhe experiências marcantes e profundas, feridas e dores angustiantes, com o propósito da disciplinação e lapidação do seu espírito. A sua infância, as suas raízes (FC) castrantes e cicatrizantes, o abandono e passividade dos seus progenitores, o ambiente de promiscuidade e de pobreza da infância e juventude, a falta de amor e de carinho, o desprezo pelos seus valores e pelo seu corpo, as suas emoções entorpecidas por uma descodificação lancinante da sua formação, trazem irreparáveis sequelas à sua alma, ao seu corpo e à sua mente, bem como aos seus relacionamentos. O total abandono e desprezo por si própria levam-na ao início de um acarreia onde o aproveitamento e o abuso estão bem patentes, até que começa a encontrar a sintonia com o seu self, num mundo de autodescoberta, proporcionando-lhe entender que onde está a ferida também existe a cura. Nesta procura adentrada pelas experiências densas e profundas da sua alma, transcende, e torna-se numa das maiores curadoras de almas mundiais, transformando as suas mais perenes carências numa abundância sem fim, dando-lhe a resistência e o perfil necessários para lidar com o ser humano em todos os seus aspetos. Aprende também a amar-se e a respeitar-se em todos as formas, a elevar a sua autoestima e a curar todas as suas chagas e, como consequência, a amar de forma incondicional toda a forma de vida à face da terra, porque compreende, pois por lá já passou. E olha para o seu passado e liberta-o com amor, porque tudo a enriqueceu e fez dela a poderosa mulher que atualmente é!

Parte da Fortuna Parte da Fortuna a 20 graus de Caranguejo na casa 12 Aponta-nos que a sua realização veio quando conseguiu entender o seu interior. Foi necessário a reserva e o isolamento para atingir este estágio de consciência, ao fazer uso da sua intuição, ao ter a mente aberta para outros planos e não apenas para o tangível, através da fé e da visão interior. Remete-a para que a privacidade e as pessoas que mais ama são fundamentais para si, criando um lar num lugar onde se sinta bem, onde exista uma grande família. A criação da sua editora, as fundações que trata com tanto carinho, gerindo-as como se do seu próprio lar se tratasse, assim como todos os seus funcionários e colaboradores, que são para si, membros da sua grande família. O próprio regresso à sua terra natal, após décadas de ausência, construindo o seu local de abrigo, num local aprazível e do seu agrado, onde recarrega baterias, atende os seus clientes em consultas particulares, se dedica a atividades que lhe dão prazer e também onde se refugia Página 9 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

e se nutre na companhia daqueles que mais ama, são exemplos que justificam o acima referenciado.

Nodo Norte Nodo Norte a 11 graus de Caranguejo na casa 12 O Nodo Norte a 11 graus de Caranguejo, na casa 12, aponta-nos para uma missão de vida compassiva e de amor incondicional em prol da abolição do ego. Nesta posição há muito sofrimento. Inclui descer ao caos e aprender a trabalhar com aqueles que sofrem, sanando as suas feridas, desenvolvendo o amor incondicional e a transmutação do EU. Mostra carma coletivo e de responsabilidade a ajudar a humanidade a sofrer menos, tratando assim da sua família universal, nutrindo e enriquecendo a sua evolução espiritual, podendo, em alguns casos, ser considerada uma “Grande Mãe” que a todos socorre e ampara, apontando para uma evolução espiritual e pessoal, sem deixar de assumir as suas responsabilidades.

Lua Negra (Lilith) Lilith a 13 graus de Virgem na casa 2 A Lua Negra 13 graus de Virgem, na casa 2, confere-lhe alguma possessividade em relação aos bens materiais e com os parceiros. Gosto pela perfeição e tendência a esperar a perfeição dos outros e para consigo própria, assim como nos seus métodos de trabalho. As preocupações com a saúde levam-na a procurar métodos terapêuticos de cura, mas também a alguma insatisfação no seu dia-a-dia e nas formas como conduz o seu quotidiano.

Planetas e aspetos Sol em queda a 14 graus de Balança na casa 3 em: Trígono a Júpiter a 17 graus de Aquário na casa 7 Quadratura a Plutão a 15 graus de Caranguejo na casa 12 Quadratura ao Nodo Norte a 11 graus de Caranguejo na casa 12 O Sol em queda, posicionado no seu mapa a 14 graus de Balança, na casa 3, em trígono com Júpiter a 17 graus de Aquário, na casa 7, e em quadratura a Plutão a 15 graus de Caranguejo na casa 12, confere-lhe para uma postura diplomática, charmosa e com preocupações para com a realidade social. O seu self é muito virado para os outros, para o seu exterior e para um tipo de profissão em que a imagem pública é muito importante e fundamental. Neste caso há a apontar que Louise foi durante um longo período de tempo modelo profissional, tendo-se casado com um homem rico que lhe proporcionou o fascínio pelo mundo Página 10 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

da moda, pela riqueza e pelo luxo, assim como a abertura de horizontes na sua vida. Passou da pobreza extrema ao mundo da riqueza e do requinte. A posição do astro na sua área de vida 3 confere-lhe o intenso desejo pela investigação (que ainda hoje se mantém apesar dos seus 88 anos), bem como a capacidade para o aprofundamento de estudos, a sua comunicação através da palavra, quer seja de forma escrita (os seus livros são bestsellers amplamente difundidos pelo mundo), quer seja pela sua investigação no Novo Padrão de Pensamento, através dos princípios da Igreja da Ciência da Mente, a sua força de vontade e a sua capacidade de fazer várias coisas ao mesmo tempo, levando-a a ter mais consciência de si própria, através da sua comunicação com o exterior. O trígono a Júpiter, na sua área de vida 7, impulsiona-lhe o dinamismo para liderar grupos e lidar com eles através de assuntos filosóficos, sociais e comunitários. Confere-lhe altruísmo e permite-lhe ser uma pessoa reconhecida pelos outros, trazendo-lhe sorte e sucesso naquilo que realiza. Também lhe confere uma força espiritual de proteção, que a qual Louise reconhece no seu livro “Confie na Vida”. Quando questionada sobre o porquê de não ter sucumbido ao cancro de que foi vítima, a mesma responde que talvez fosse poupada porque era necessária para servir de exemplo aos outros neste plano terreno. Apesar de não ser praticante de uma religião específica, Louise é um ser muito especial, considerada por muitos um exemplo de humanidade, com uma capacidade fora do normal para entender, compreender e curar qualquer alma humana. O seu verdadeiro dom! A quadratura que faz a Plutão na casa 12, confere-lhe a rebeldia necessária no seio da sua família, para lutar por algo melhor. Louise abandonou a sua família, após anos de vitimização e de abusos sexuais, por parte do seu padrasto, e seguiu rumo ao mundo, sozinha, tendo inclusive entregado o seu corpo a vários homens, trazendo-lhe momentos duros e dolorosas experiências, uma das quais, doar a sua própria filha para adoção, por não ter meios de sobrevivência, mas fundamentais para a sua evolução enquanto ser humano. Tudo isto lhe conferiu a capacidade do entendimento, após cair no submundo, de se reerguer, regenerando-se e transformando-se numa nova mulher. Conseguiu superar um cancro e utilizar os seus conhecimentos na sua profissão, tomando-se numa curadora de almas. A quadratura ao seu Nodo Norte leva-a a um caminho de compreensão, de aceitação e de amor incondicional por todos. Exemplo disso, foi o amor de Louise por todos os infetados com o vírus da SIDA, quando esta foi descoberta, sendo associada apenas e exclusivamente à homossexualidade, com todos os medos discriminatórios, fobias e receios inerentes, onde estes grupos eram marginalizados e ela, sem saber como, lidou de forma humana e incondicional com todos eles, confortando-os, levando-lhes uma palavra de esperança, mesmo sabendo que muitos deles tinham os dias contados, lutando e criando meios para constituir grupos de ajuda. Todo o sofrimento da sua vida pode ser analisado e complementarizado através deste ponto, mas também o seu reerguer, o subir mais alto e ir às frequências mais subtis da sua dádiva espiritual. Neste ponto encontra-se o justificativo para o seu carma coletivo e a responsabilidade para ajudar a humanidade a sofrer menos, a libertar-se de todos os padrões seculares de dor e de sofrimento. Lua em queda a 0 graus de Escorpião na casa 4 em: Conjunção a Mercúrio a 27 graus de Balança na casa 4 Oposição a Quíron a 0 graus de Touro na casa 10 (MC) Página 11 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Quadratura ao Ascendente (ASC) Oposição ao Meio do Céu (MC) Sextil a Neptuno a 26 graus de Leão na casa 1 A Lua em queda, posicionada a 0 graus de Escorpião, na casa 4, em conjunção a Mercúrio a 27 graus de Balança, na casa 4, em oposição a Quíron a 0 graus de Touro, na casa 10 (MC), em quadratura ao ASC, em oposição ao MC e em sextil com Neptuno a 26 graus de Leão, na casa 1, aponta-nos para uma personalidade com emoções bastante firmes e com tendência para levar os assuntos bastante a sério, com muita possessividade e com algum ressentimento pelas pessoas. Louise sofreu cortes radicais com a sua família mas, mais tarde na sua vida, há um estreitar de relacionamento com sua mãe, procurando-a, entendendo-a, trazendo-a para sua casa e amparando-a na sua velhice. O final de vida da mãe de Louise aproximou as duas, resgatando os laços emocionais do passado. Também se denota que a Louise sempre se preocupou com a mãe e que apesar da distância nunca a esqueceu. O que Louise queria esquecer era a vida que levou em casa da sua mãe. A conjunção da Lua a Mercúrio confere-lhe um talento inato para trabalhar as questões relacionadas com a mente inconsciente e a mente racional consciente. Afinal esta é a base de todo o seu trabalho! Trabalhar o Novo Padrão de Pensamento, através do pensamento racional, para se diluírem os traumas gerados pelo inconsciente. Toda esta cadeia de pensar leva ao fascínio dos outros por si, transformando-a num Guru, idolatrada por milhares de pessoas sequiosas de seguirem o seu exemplo, por ouvirem os seus conselhos e experienciarem as suas técnicas, de forma harmoniosa e equilibrada, criando uma aura de interesse invulgar a todos os que a rodeiam. Tratando-se de uma Lua Quarto Crescente (90 a 135 graus) a vida leva-a a atrair situações de crise, para desenvolver as suas capacidades de enfrentar obstáculos, superar desafios e assim criar a resistência necessária para alcançar os seus reais objetivos. A oposição da Lua a Quíron, posicionado a 0 graus de Touro, na casa 10 (MC), remete-a para situações tensas no seu propósito de vida, para problemas com a sua autoestima e com o seu corpo, até compreender que o corpo e a alma têm de ser integrados e que a cura está em encontrar a sua segurança interna, para depois servir de exemplo aos outros, através dos seus valores, das suas convicções e do seu amor, ou seja, através da sua experiência de vida pessoal. A quadratura ao ASC traz-lhe experiências de vida desafiadoras ao nível da saúde emocional, no lar (família, raízes, valores ancestrais), com a mãe e com os seus próprios valores, com o seu pensamento e com a sua personalidade, distorcendo muitas vezes a realidade dos factos, até se encontrar na sua plenitude. A oposição ao MC leva-a a atrair situações densas com os homens, com a sua autoestima, encaminhando-a à frustração em muitos momentos da vida, a um vazio interior difícil de explicar. Muitas vezes não consegue compreender as suas próprias emoções e entra em conflito com os outros. Leva-a a procurar preencher-se através de relacionamentos fúteis para suprir a carência de amor na sua alma. Mercúrio a 27 graus de Balança na casa 4 em: Sextil com Neptuno a 26 graus de Leão na casa 1 Página 12 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Oposição a Quíron a 0 graus de Touro na casa 10 (MC) Quadratura ao ASC Mercúrio a 27 graus de Balança, na casa 4, em sextil com Neptuno a 26 graus Leão, na casa 1, em oposição a Quíron a 0 graus de Touro na casa 10 (MC) e em quadratura com o ASC, confere-lhe uma comunicação agradável e diplomática, o intelecto bastante ativo, com especial propensão para a busca das suas raízes, da sua identidade e do seu lar, favorecendo o movimento e o exercício da sua capacidade mental. O seu pensamento pode-se concentrar em considerações sobre segurança (FC). O sextil de Mercúrio a Neptuno oferece-lhe insights intensivos e imaginação fértil. Existe boa comunicação, de forma harmoniosa, entre a mente racional consciente e inconsciente. Confere-lhe ainda perceções aguçadas e inspiração criativa sensível ao EU, com tendência a desenvolver talentos artísticos e musicais, como é o caso da dança e da pintura, talentos que desenvolveu e ainda desenvolve ao longo do seu percurso terreno. A intuição é a sua fonte de inspiração, o que ela faz constantemente, mesmo assumindo que desconhece como se processam alguns dos insondáveis mecanismos do universo, mas segue sempre as suas convicções, guiada pela sua forte intuição, através da sua descoberta da vida, da ultrapassagem dos seus obstáculos, criando experiência e colocando-a ao serviço dos outros, fazendo disso a sua convicção, o seu ponto mais alto enquanto existência terrena.

Vénus em domicilio a 3 graus de Balança na casa 3, em: Oposição a Úrano retrógrado na casa 9 a 26 graus de Peixes Sextil com o ASC Vénus em Balança confere-lhe propensão para a arte, a beleza, a elegância, o amor e para relacionamentos harmoniosos, abençoando-a com uma personalidade charmosa e divertida, capaz de compreender o ponto de vista dos outros. As viagens são uma fonte de lucro e de prazer. Louise realiza viagens pelo mundo, dentro do seu próprio país (mudanças de cidade) e as próprias viagens interiores, numa eterna descoberta de si própria, tal como a mesma reconhece. A oposição a Úrano influi-lhe uma natureza emocional instável, o estímulo por experiências exóticas sem considerar as consequências. Podem ocorrer casamentos que terminem em divórcios, sensação de se sentir periodicamente fascinada por novas paixões e enquanto elas durarem não fará nada em benefício próprio. Louise, enquanto foi casada não se virou para o seu verdadeiro propósito, pois vivia em função do casamento. Tendência aos romances terminam tão subitamente como começaram e ficar o caos no seu lugar. Foi o que lhe aconteceu quando se sentiu só, traída e abandonada, quando menos esperava. Também os relacionamentos fúteis (como foi o caso da entrega voluntária a homens só para ter prazer e receber algum carinho em troca de sexo, caindo no vazio e na futilidade da sua existência). Úrano em Peixes dá-lhe o conceito de religião universal, com ideias avançadas sobre filosofia, religião e ensino superior. Confere-lhe interesse pela astrologia (um dos seus interesses), assim como pelo transcendental e pela escrita, o seu veículo de comunicação com a humanidade, tudo centrado na descoberta do seu verdadeiro EU. Página 13 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

Marte retrógrado a 18 graus de Touro na casa 10 (MC) em: Quadratura com Júpiter retrógrado a 17 graus de Aquário na casa 7 Oposição a Saturno a 28 graus de Escorpião na casa 4 Quadratura a Neptuno a 26 graus de Leão na casa 1 Sextil a Plutão a 15 graus de Caranguejo na casa 12 Marte retrógrado em Touro confere-lhe ganhos materiais consideráveis, usando os seus esforços, o seu trabalho e a sua persistência, através dos seus valores, mas a seu devido tempo. Confere-lhe sensualidade e possessividade, assim como um temperamento forte, muito virado para o seu interior, com muita repressão e violência interna. A ambição é forte e a energia é aplicada com determinação na carreira ou profissão escolhida, após superar as suas próprias ânsias, os seus receios e bloqueios. A quadratura a Júpiter retrógrado confere-lhe um aspeto de guerreiro, de lutadora incansável para levar a sua palavra, os seus ensinamentos e a sua experiência de vida aos outros (humanidade) através da sua visão ampla das questões sociais e humanitárias, assim como das boas relações públicas. A oposição a Saturno influi-lhe uma natureza de ressentimento e de opressão, com frequentes períodos de frustração, mas também a necessidade de mostrar bravura pessoal, aprendendo a gerir o poder da melhor maneira. Poderá procurar controlar tudo à sua volta, pois essa sensação de controlo traz-lhe estabilidade e segurança. Confere-lhe coragem, perseverança e poder de concentração, assim como um instinto de sobrevivência forte. Deve aprender a desenvolver uma atitude equilibrada de responsabilidade com a família e compreender que as lições devem ser aprendidas das experiências dos relacionamentos com os pais e outros membros familiares. A quadratura a Neptuno confere-lhe tendência a excessos sexuais, desejos emocionais peculiares que surgem dos níveis mais profundos do seu inconsciente. A sua energia poderá também ser utilizada a favor da arte criativa, da dança, da música e atividades que dão espaço à imaginação. Neptuno em Leão confere-lhe perda da rigidez do ego e valores de psicologia e educação com muita perceção interior e sensível ao EU. O sextil a Plutão confere-lhe energia, coragem e força de vontade. Poderá usar de forma consciente ou inconsciente as forças naturais para realizar mudanças que a beneficiarão, assim como mudanças regeneradoras que elevem a sua perceção. Plutão em Caranguejo confere-lhe conceitos raciais, nacionais e familiares e alguma agitação interna, mas também a purificação benéfica interna das experiências densas vividas. Confere-lhe ainda poder extrassensorial chamado mágico divino e manifestações de cura através da doença. Saturno a 23 graus de escorpião na casa 4 em: Quadratura a neptuno a 26 graus de Leão na casa 1 Trígono a Úrano a 26 graus de peixes na casa 9 Trígono a plutão a 15 graus de caranguejo na casa 12 Página 14 de 15


Curso de Formação Profissional em Astrologia – nível II – António Magalhães – Faces de Isabel Guimarães

O trígono a Úrano confere-lhe forte intenção sobre as leis do universo e a compreensão do significado do karma, estando em posição de estruturar a sua vida. Dá-lhe força de vontade aliada à capacidade para utilizar de uma maneira prática as suas inspirações criativas, bem como habilidade para trabalhar em grupo e habilidade para administrar recursos coletivos e o poder. O trígono a Plutão confere-lhe a capacidade para organizar as forças subtis, de forma consciente e inconsciente e força de vontade quando trabalha em direção a um objetivo, capacidade de liderança e de realizar mudanças fundamentais na sua vida e nas vidas dos outros. Confere-lhe ainda elevado grau de energia nervosa, o que pode tornar difícil os relacionamentos, necessitando de equilíbrio. Afinal foi o equilíbrio que sempre tentou desenvolver ao longo da sua vida e onde assenta toda a sua filosofia! Faces, Vila Nova de Gaia, 8 de janeiro de 2015 António Magalhães

Página 15 de 15

Profile for FacesIsabelGuimaraes

Analise do mapa Louise Hay  

Trabalho de estudo do Curso de Astrologia - nível II por António Teixeira

Analise do mapa Louise Hay  

Trabalho de estudo do Curso de Astrologia - nível II por António Teixeira