Page 1

ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

OPINIÃO 03

TECNOLOGIA AVANÇADA EM GNV

O jornal dos taxistas da Bahia

www.eitaxi.com.br

Setembro de 2015 | Salvador - Bahia | ANO V - nº 60 | Edição mensal - Distribuição Gratuita - 10.000 exemplares

Foto: Clécio Max

Desafio do taxista está além de conduzir passageiros

Responsável por levar pessoas aos mais variados destinos, o taxista é uma peça importante do dia a dia da população. Sobre ele está a missão de trabalhar com segurança e agilidade, driblando, além dos congestionamentos diários, os perigos do trânsito brasileiro. Mas essa é apenas uma das preocupações do profissional. O curso de capacitação realmente prepara o taxista para todas as necessidades do dia a dia?  PÁGINA 10

Discussões sobre o Uber são ampliadas nas capitais  PÁGINA 03

Parceiros parabenizam cinco anos do Ei,Táxi  PÁGINA 06

Salvador atualiza regulamento de táxi  PÁGINA 07


02

EDITORIAL

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

Ei,Táxi

C

Cinco anos ao lado do taxista

hegamos à edição de setembro, mês que o jornal Ei, Táxi completa cinco anos. Como você pode perceber, nesta edição de comemoração, além das matérias que abordam os mais relevantes assuntos, apresentamos ao leitor um pouco da percepção de parceiros e amigos sobre o nosso trabalho. Na página seis, você confere comentários e felicitações por mais um ano de conquistas. A participação da categoria na produção do Ei, Táxi continua. O nosso espaço Taxista Repórter traz denúncias enviadas para o nosso WhatsApp (71 96937852). A colaboração da categoria se estende por diversas matérias, inclusive a que estampa a nossa capa. Na página três, apresentamos outra matéria sobre comemoração. Mas, dessa vez, sobre os 36 anos da Cooperativa Táxi Coometas, que realizou uma grande festa no dia 03/09, na churrascaria Tchê Picanhas, da Boca do Rio. Fora de atuação em Salvador o aplicativo

Uber não sai do centro das discussões. No dia 23/09 uma audiência pública será realizada na Câmara Municipal de Salvador. Falamos sobre isso também na página 3. Em nossa matéria de capa, na página 10, abordamos o processo de preparação do taxista para o exercício da função, em que apontamos a necessidade de constante qualificação. Mais do que ser um bom motorista, o profissional precisa disponibilizar qualidade em aspectos como: boa condição do veículo, bom atendimento e relação interpessoal. Outro item quase esquecido que evidenciamos é a necessidade de conhecimento em gestão financeira. Por ser um profissional autônomo, saber controlar gastos e ganhos é imprescindível. Já na página sete o que está em evidência é a proximidade da publicação do novo regulamento de táxi da cidade de Salvador. Conversamos com representantes da Semob para saber mais sobre o assunto. Boa leitura!

RUA DIRETA Nº 19 VILA CANÁRIA (EM FRENTE AO CONDOMÍNIO) - www.capotariadoeverton.com.br

NOVOS PONTOS DE RETIRADA COM EXPOSITORES EM SALVADOR

ENDEREÇO ENDEREÇO

LOCAL

Vale dos Lagos Paralela sentido Rodoviária Paralela sentido Rodoviária Rodoviária Rodoviária Rodoviária Pernambués Pernambués Acesso Norte BR 324 Baixa do Santo Antônio Av. Barros Reis sentido Retiro BR 324 BR 324 Av. San Martin Av. San Martin R. Conde de Porto Alegre - IAPI R. Conde de Porto Alegre - IAPI Pero Vaz Av. Barros Reis sentido Rótula Via Expressa São Joaquim (Ferry boat) Largo da Madragoa Rua Chile - Centro

Sede da Táxi Paralela Posto Narandiba - Shell Banco Desenbahia Estoque da fila de Táxi Posto Rodoviária - BR Posto Mataripe Sede da Elitte Táxi Sede da Bahia Táxi Posto Tic - Shell Sede da Coastaxi Posto Barros Reis - Shell Posto Jaqueira - Shell Posto Porto Seco - BR Posto Plus Brasil Sede do Ceat Sede da Rodotáxi Sede da Alô Táxi Sede da Use Táxi Posto Sol - Shell Posto Gás Online - Ipiranga Estoque da fila de Táxi Posto Unicom - BR Sede da Chame Táxi

CIDADE/ENDEREÇO

Lauro de Freitas - Acesso Bambuzal Lauro de Freitas - Itinga Simões Filho - Rod. BA 093 Simões Filho - Av. Washington Luiz

Diretor Executivo: Adriano Rios, Jornalista e Editor: Helton Carlucho, Revisão: Anariel Rios, Diagramação: Helton Carlucho, Edição: mensal, Tiragem: 10.000 exemplares, Distribuição Gratuita: Salvador e Região Metropolitana de Salvador - RMS (Lauro de Freitas, Simões Filho, Camaçari, Mata de São João, Dias D’Ávila, Candeias e Pojuca), Impressão: Gráfica do Correio. O conteúdo das colunas, anúncios e informes publicitários são de responsabilidade dos autores e não, necessariamente, expressam a opinião do jornal. Anuncie: (71) 3498-9731 | 9729-6464 | comercial@eitaxi.com.br | Jornalismo: jornalismo@eitaxi.com.br

CIDADE/ENDEREÇO

LOCAL Posto Coopmetro Sede da Comtas Posto Paraki 2 Sede da Atasf

Posto Dois Leões - BR Posto Coopmetro Posto Ogunjá - Shell Sede do Sinditaxi Postos Mataripe - BR Sede da Ligue Táxi Sede da Coopteletaxi Posto Nota 10 - BR Estoque da fila de Táxi Posto Escola - BR Sede da Teletaxi Posto Flamingo - BR Posto Coopmetro Posto Pituba - Shell Posto Gás Online - Shell Posto Gás Online - Shell Posto Camuripim - BR Sede da Top Táxi Posto Alphaville - BR Posto Coopmetro Posto Adota Ponto da Coometas Sede da Atalema

Camaçari - Av. Radial B, 783 Dias D'Ávila - Av. Raul Seixas Candeias - Rod. BA 552, KM 10 Pojuca - R. JJ Seabra, Centro

LOCAL Posto Radial Posto Casanova Posto Milênio Sede da Astap

Taxista repórter - WhatsApp: (71) 9693-7852 Clandestinos no Mercantil Rodrigue da Cidade Baixa Recebemos no WhatsApp da redação do jornal Ei, Táxi o flagra registrado por um taxista que preferiu não se identificar. Ele fotografou a ação de motoristas clandestinos que agem diariamente em um mercado da cidade baixa. Mesmo diante da irregularidade, a ação é bastante comum.

jornalismo@eitaxi.com.br

Expediente

Largo Dois Leões Ladeira do Capoteiro - Vila Laura Vale do Ogunjá Vale do Ogunjá Bonocô sentido Iguatemi Av. Dom João VI - Brotas R. das Pitangueiras - Brotas Av. ACM Iguatemi (Shopping da Bahia) Av. Tancredo Neves Av. Tancredo Neves Costa Azul Jardim Armação Av. Manoel Dias - Pituba Amaralina sentido Rio Vermelho Amaralina sentido Pituba Av. Octávio Mangabeira Av. Jorge Amado Paralela sentido Aeroporto Paralela sentido Aeroporto Av. Dorival Caymmi Aeroporto - Graer Aeroporto - Acesso Bambuzal

LOCAL

NOVOS PONTOS DE RETIRADA COM EXPOSITORES NA REGIÃO METROPOLITANA

Helton Carlucho Construa o Ei, Táxi conosco. Envie sua mensagem, entre em contato pelos canais: 71 3498-9731 | 9729-6464 jornalismo@eitaxi.com.br | www.eitaxi.com.br

ENDEREÇO ENDEREÇO

Onde está o exemplo, Transalvador Parece que agentes da Transalvador andam se descuidando das leis de trânsito. Vários flágras como esse circulam os grupos de WahatsApp da categoria e chegaram à nossa redação. Um deles, registrado em vídeo, foi publicado na página do Facebook do jornal Ei, Táxi (www.facebook.com/JornalEiTaxi).


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

Fotos: Ei, Táxi

Coometas comemora 36 anos

E

m comemoração a mais um aniversário de sua fundação a Táxi Coometas uniu cooperados, parceiros e amigos. Na noite do dia 03/09

foi realizado um jantar na churrascaria Tchê Picanhas, no bairro da Boca do Rio, em Salvador, que contou com a presença de aproximadamente 300

pessoas, entre elas, representantes das concessionárias Frutosdias, Baviera, Eurovia Nissan e Eurovia Renault, e do ex-deputado estadual Capitão Tadeu.

03

Discussões sobre o Uber são ampliadas nas capitais

N

Aproximadamente 300 pessoas participaram do jantar realizado na churrascaria Tchê Picanhas

COMEMORAÇÃO

o Brasil, o aplicativo Uber só está disponível nas capitais São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília, mas outras cidades já discutem o futuro do aplicativo. Curitiba (PR), Salvador (BA), Recife (PE), Aracaju (SE), Campo Grande (MS), Goiânia (GO), Maceió (AL), Manaus (AM) e Vitória (ES) já apresentaram projetos objetivando a sua proibição. Na capital baiana uma audiência pública proposta pelo vereador Alfredo Mangueira (PMDB) pretende reunir a categoria para discutir o assunto. O evento acontece no dia 23/09, às 9h, no Centro Cultural da Câmara Municipal de Salvador. Mangueira, que já se pronunciou sobre o assunto em outras ocasiões, é o idealizador da proposta de lei que visa proibir o uso do

aplicativo na cidade. Delegado Regional da Abracomtaxi, o presidente da Táxi Coometas, Vicente Barreto, está à frente da luta contra o aplicativo na Bahia. Segundo ele, a audiência é mais uma etapa do que já vem sendo feito desde 2013, quando foram protocoladas ações no Ministério Público e iniciadas conversas com vereadores e deputados. Em Brasília, a Câmara Distrital chegou a proibir o serviço, mas o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) vetou o texto no último dia 6. Nas capitais onde ainda não funciona, apenas Vitória já aprovou projeto de lei semelhante e aguarda decisão do prefeito Luciano Rezende (PPS). O projeto foi apresentado pelo vereador Rogerinho Pinheiro (PHS), que é ex-taxista.


04

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

31.749,20

05


06 CINCO ANOS EI, TÁXI

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

Cinco anos ao seu lado

C

ompletamos cinco anos e chegamos até aqui com muito orgulho do trabalho feito e amplo reconhecimento dos parceiros e amigos que conquistamos nessa jornada. O respeito e o carinho mútuo podem ser vistos nas mensagens a seguir:

Levar a todos as demandas e notícias do universo dos taxistas. O que para uns poderia parecer pretensão, passados 5 anos de vida o jornal Ei, Taxi mostra que é possível dar vez e voz a uma classe tão importante para a economia do município quanto os taxistas. Aqui, ficam nossos parabéns pela data, nossa satisfação em sermos parceiros dessa iniciativa através da CBN e meu agradecimento diário por transportarem as ondas da nossa emissora junto com seus passageiros sempre!” Luis Moreira - Ger. Executivo Segmento Rádios da Rede Bahia

Parabenizo o jornal Ei, Táxi pelo 5° aniversário de parceria com a classe de taxista, qual faço parte com orgulho, há quase 22 anos. Fico feliz em contribuir com o respeito mútuo com a competente equipe de jornalismo. Deixo um abraço ao Adriano e o Helton pelo apreço a mim dispensado. ‘Sucesso só tem valor quando seu propósito norteia a dignidade humana’". César Bastos, OTB-Ba, taxista membro da Órdem dos Taxistas do Brasil.

24x19 Nissan Taxi SSA 1009.indd 1

Parceiros parabenizam o Ei,Táxi Como o tempo passa depressa!!! O sucesso do jornal Ei, Táxi nesses cinco anos vem do trabalho árduo do seu empreendedor, gestor, Adriano Rios. A dedicação, a organização e o planejamento são os diferenciais que a categoria dos taxistas tem a sua disposição para reivindicar seus direitos e fortalecer essa nobre profissão tão importante para a mobilidade da população baiana. Estamos juntos, parceiro. Parabéns Jornal Ei, Táxi !” Edval Landulfo – Economista e Colunista de Educação Financeira

O nascimento é sempre uma dádiva de deus, diante disto os homens deverão agradecer e tentar de tudo para que esta dádiva seja reconhecida e agradecida pela humanidade. Isto aconteceu também com o Ei Táxi, nasceu para servir a classe taxista e usuários como também a comunidade, nestes 5 anos de informações, defesas e lutas em prol do taxista. A Táxi Coometas vem parabenizar pelo belo trabalho desenvolvido, desejando muitos e muitos anos de glórias e vida. Parabéns e contem conosco!” Vicente Barreto - Presidente da Táxi Coometas

Ei Táxi... Parabéns pelos 5 anos de vida, pautados na imparcialidade e seriedade das suas abordagens, e na fidelidade e credibilidade do seu público-alvo. Exemplo de Imprensa séria e comprometida. Parabéns!!!” Paulo Felipe – Gerente de Vendas Direta da Eurovia Renault

Primeiramente parabéns por esta conquista. Podem contar com a gente.” Marcos Gondim - Gerente Financeiro da Elitte Táxi

Em nome da Nova Bahia Veículos, gostaria de parabenizar o Jornal Ei, Táxi pelos seus 5 anos de muito trabalho e seriedade. Parabenizar também pela forte dedicação em levar a notícia aos taxistas com imparcialidade, ofertando diversos produtos e serviços que atendam ao segmento. Muito sucesso a esse excelente comunicador, Adriano Rios, por esse projeto maravilhoso.” Artur Magno - Supervisor de Venda Direta da Nova Bahia Renault

A Baviera Veículos em nome do setor de venda direta aproveita a oportunidade para manifestar os sinceros agradecimentos ao Jornal Ei, Táxi em seu quinto aniversário. É através dessa mídia tão procurada que a Baviera costuma levar as novidades da Volkswagen aos nossos guerreiros, os taxistas. Quero desejar os parabéns a todos os profissionais envolvidos no Ei, Táxi, em especial ao Adriano Rios a pessoa que acredita em nossa parceria” Mateus Pontes - Gerente de Vendas Corporativas da Baviera

Para nós, o veículo Ei,Táxi é de fundamental importância por se tratar de um canal direto de comunicação com o Taxista, que em especial para a Frutosdias tem um valor enorme. Para mantermos aquecido o nosso relacionamento com este setor, nada melhor que um jornal que tem credibilidade, respeitabilidade e enorme aceitação. Agradeço a parceria de sempre e parabenizo a Adriano e toda a sua equipe por mais um ano de mercado.” Roberta de Souza – Gerente de Vendas Direta da Frutosdias

10/09/15 17:24


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

Salvador atualiza regulamento de táxi e transportes especiais Fotos: Ei, Táxi

Minuta do Setax está em análise na Procuradoria Jurídica de Salvador

P

ublicado em 17 de setembro de 1992, pelo então prefeito Fernando José, o decreto 9.684, que regulamenta o Serviço de Táxi e Transportes Especiais (Setax), em Salvador, está prestes a ser atualizado. O atual, vigente há 23 anos, é considerado defasado pelo Poder Público e pela categoria. No início deste ano, o Coordenador de Táxi e Transportes Especiais (Cotae) da Secretaria Mu-

nicipal de Mobilidade (Semob), Marcelo Tavares, indicou que a publicação do Setax seria feita após o carnaval, o que não aconteceu. Em nova conversa, ele creditou o atraso à necessidade de ajustes e afirmou que “a minuta já está pronta e em fase final de formatação”. O projeto vem sendo discutido com representantes dos taxistas, através de reuniões, e foi aprovado por boa parte categoria, como nos confidenciou o

presidente da cooperativa de táxis Coometas, Vicente Barreto. Já o presidente da Coastaxi, Gilberto Silva, diz ter “algumas restrições”. Segundo ele, pontos importantes foram alterados pela Cotae.

Novas regras

A equipe do Ei, Táxi não teve acesso ao conteúdo final do regulamento. Mas, em conversa com representantes da secretaria, identificou alguns dos

pontos discutidos. Segundo Marcelo Tavares tudo que está inserido no novo regulamento foi debatido com a categoria. “As principais mudanças estão em aspectos como, por exemplo, “o ar condicionado que era cobrado um valor a parte e hoje em dia não é. Não vai existir nenhuma surpresa para o permissionário. “Os tópicos que temos são os já discutidos nos últimos anos”, pontuou. Outra novidade deve ser a regulamentação do serviço de táxi adaptado, que será facultado aos permissionários de táxis comuns. Até 4% da frota poderá fazer a mudança. “Se ninguém quiser, vamos abrir licitação”, explicou. Atualmente a minuta do novo regulamento está sob análise da procuradoria Jurídica da prefeitura de Salvador. Em seguida, caso não haja ajuste a ser feito, deverá seguir para o decreto do prefeito ACM Neto, nos próximos meses.

REGULAMENTAÇÃO 07

Vetos são mantidos em Lauro de Freitas

E

m sessão realizada no dia 03/07, na Câmara Municipal de Lauro de Freitas, vereadores mantiveram o veto do Prefeito Márcio Paiva às emendas do projeto 1.571 publicado do Diário Oficial no Município, no dia 03/08, que regulamenta o serviço de táxi na cidade. Em votação secreta, nove legisladores optaram pela manutenção do veto e quatro foram contra. Segundo representantes do governo, as emendas tiravam a autonomia do Poder Executivo sobre a concessão de alvarás, o que seria inconstitucional. Para a vereadora Mirela Macedo (PSD), propositora de parte das emendas, o teor das propostas buscava assegurar a lisura e transparência no processo e evitaria a utilização de táxis como moeda de troca política.

E


08

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

09


10 CAPA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

Capacitação oferecida aos taxistas realmente prepara para a profissão?

R

esponsável por conduzir pessoas aos mais variados destinos, o taxista é uma peça importante do dia a dia da população. Sobre ele, está a missão de trabalhar com segurança e agilidade, driblando, além dos congestionamentos diários, os perigos do trânsito brasileiro. Mas, será que estes profissionais realmente estão preparados para exercer a função? As exigências do órgão regulador são suficientes para garantir qualidade no serviço? O curso de capacitação exigido para o ingresso na profissão realmente atende às necessidades do profissional? Passageiros estão seguros dentro de um táxi? Casos como o do taxista identificado como “Junior”, preso no dia 22/07 pelo Departamento de Narcóticos (Denarc), evidencia falhas em todo o processo. De acordo com a polícia, ele transportava 6kg de maconha em um veículo Meriva com licença da cidade de Lauro de Freitas. Atualmente os aspirantes ao trabalho precisam estar em conformidade com a lei 12.468/11, sancionada em 2011, pela presidente Dilma Rousseff. Entre as exigências está a necessidade de apresentação de Certidão de Antecedentes Criminais e Certidão de Nada Consta da habilitação do Detran; iniciativa que busca impedir que criminosos usem o táxi para fins ilícitos, mas tem se mostrado falha. O código ainda requer, entre outros, cursos de relações humanas, direção defensiva, primeiros socorros, mecânica e elétrica básica de veículos,

Foto: Ei, Táxi

Aspirantes ao trabalho como taxista precisam estar em conformidade com a lei 12.468/11

promovidos por entidade reconhecida pelo respectivo órgão autorizatário. O currículo é voltado para ações relacionadas à condução. Mas são apenas essas as necessidades do dia a dia? Há 22 anos na praça, o taxista de Salvador, César Bastos acredita que as exigências deveriam seguir critérios mais rígidos e o curso ministrado, intensificado e seguido de avaliações, o que não acontece atualmente. Além do básico para o exercício da função, deveria haver qualificação para oferecer o serviço com excelência, como ocorre em outros países. “Hoje existe uma carga em forma de palestra com um total de 20h que não prepara, apenas atende o mínimo que a prefeitura pede pra renovar o crachá de auxiliar ou cartão do permissionário”, reclama. O Coordenador de Táxi e Transportes Especiais

(Cotae), da Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob), de Salvador, Marcelo Tavares, acredita que o procedimento seja suficiente. Segundo ele, as exigências estão em conformidade com a legislação brasileira.

Muitos desafios: atividade vai além de transportar passageiros Profissionais de diversas áreas consideram que a formação do taxista precisa ir além dos cursos de direção, mecânica e primeiros socorros, e, por se tratar de um trabalhador que desempenha sozinho todos as funções englobadas em sua área de atuação, a preparação deve ser ampliada. A especialista em Recursos Humanos e Gestão de Pessoas, Márcia Figueiroa, credita ao taxista muito mais que a condução de passageiros. “muitos são psicólogos, ouvintes

natos e velhos amigos. Nota-se que aqueles que dignificam o valor da profissão têm sua carteira de clientes em todo Brasil. E são lembrados, indicados e referenciados seja pelo amor a profissão ou pelos mimos que oferecem em seu táxi a exemplo: revista, jornal, uma bala, um informe local, um cartão de visita e até mesmo pelo sorriso sincero e acolhedor”, explica, dizendo que o atendimento ao público é um dos itens mais importantes. O consultor financeiro, Edval Landulfo, acrescenta que, tratando-se de profissional autônomo, o taxista também precisa de qualificação em gestão financeira.“É preciso estabelecer um percentual para guardar diariamente ou mensalmente para arcar com necessidades profissionais. Por exemplo, comprar vestuário para manter-se sempre arrumado, consertar o carro em caso

de emergências e, o principal, criar uma reserva para adquirir um novo veículo. A depreciação que o automóvel sofre fica em torno de 10% ao ano, por isso, existe a necessidade de guardar por mês um por cento do valor correspondente ao carro, em uma conta poupança”, explica. Conhecimento sobre a cidade e pontos turísticos também se torna um diferencial. Exemplo disso são os táxis da cidade de Londres, na Inglaterra, que foram eleitos por diversas vezes os melhores prestadores de serviço no mundo. Todo taxista da cidade precisa passar por um teste especial de conhecimento, que obriga o domínio de 320 rotas dentro da capital britânica, num total de 25 mil ruas e 20 mil pontos de interesse público. O aprendizado compreende um período de até dois anos de estudo. “Salvador e a Bahia, como um todo, possuem um potencial turístico muito grande. É imprescindível que o taxista, que é o condutor da maioria dos turistas que chegam, saiba indicar lugares com propriedade”, explica o turismólogo Marcus Vinicius Meireles. Wallas Souza, taxista em Salvador, acredita que a qualificação além do determinado por lei pode ser a resposta para a crise e combate ao serviço clandestino. “Se nós oferecermos serviço de qualidade com seriedade, seremos referência no mercado. O crescimento do Uber acontece devido à má prestação de serviço de alguns profissionais”, pontuou.


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

SE LIGUE, TAXISTA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

Teletaxi prepara festa de 35 anos

11

Extintor ABC passa a ser obrigatório em outubro

Farol baixo durante o dia será obrigatório

Sargento Isidório quer proibir UBER na Bahia

O

O

V

Foto: Wikipedia

Foto: Wikipedia

Foto: Divulgação

Foto: Ei, Táxi

Teletaxi com as graças do Senhor do Bonfim

F

undada em 1980, a Teletaxi comemora 35 anos de trabalho no dia 11/10. A data será festejada, como em todos os anos, com uma missa na Igreja do Senhor Bonfim, em agradecimento pelas bênçãos recebi-

das, pedindo mais um ano de proteção. Em seguida, taxistas da empresa farão uma carreta até o Estádio de Pituaçú, onde acontecerá uma festa. Na programação, estão previstos um torneio de futebol e almoço.

WEEKEND ADVENTURE 1 .8 16V FLEX 4P 2o16

R$

s motoristas devem ficar atentos à obrigação de uso do extintor de incêndio ABC em veículos automotores. O prazo para a obrigatoriedade do extintor é dia 1 de outubro conforme determina a portaria do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Antes, a data prevista era 1º de julho. Após esse período, quem desobedecer à determinação e permanecer com o extintor antigo, estará sujeito a infração grave com multa de R$ 127,00, somado a cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O extintor pode ser encontrado ao preço de R$ 100,00.

39.600,

Ar-condicionado | Chave canivete com telecomando para abertura e fechamento das portas | Direção hidráulica | Drive by Wire (Controle eletrônico da aceleração) | HSD (High Safety Drive) - Airbag duplo (motorista e passageiro) e ABS GRAND com EBD | My Car Fiat (personaliza várias funções do carro)

uso do farol baixo por veículos durante o dia, em rodovias, vai se tornar obrigatório. A norma, proposta pelo projeto de lei 5070/13, do deputado Rubens Bueno (PPS-PR), foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara. Pela proposta, o descumprimento da norma será considerado infração média, com perda de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação e multa de cerca de R$ 85. Como a proposta já foi aprovada por todas as comissões da Câmara e tramitava de forma conclusiva, ela agora deve seguir para revisão no Senado.

À vista

@fiatcresauto

Rodas de liga leve 6.0 x 16" + Pneus de uso misto 205/60 R16 | Rádio Connect CD MP3/WMA integrado ao painel com RDS, Viva-voz Bluetooth® e entrada USB | Sensor de estacionamento traseiro.

SIENA ESSENCE 1 .6 16V FLEX 4P 2o16

BONOCÔ 71 3266-8800 | AEROPORTO 71 3378-8888 | BOCA DO RIO 71 3443-2340 /CresautoFiat

isando proteger o sistema organizado de táxis nos 417 municípios baianos, o Deputado Estadual, Pastor Sargento Isidório, apresentou Projeto de Lei com o intuito de proibir no Estado a utilização de veículos particulares cadastrados no aplicativo Uber, ou similar, para o transporte remunerado individual de pessoas. Segundo o parlamentar, "a proposta visa proteger os usuários do transporte público individual da atuação irregular de veículos clandestinos, uma vez que os serviços de táxis dos vários municípios baianos se tornaram referência para os cidadãos".

www.cresauto.com.br

OFERTA VÁLIDA DE 15/09/2015 ATÉ 15/10/2015. COR: BRANCO BANCHISA. REVESTIMENTO: MALHA KETTENS ALAG UNI CINZA. CARRO NÃO DISPONÍVEL NO ESTOQUE DA CONCESSIONÁRIA. VENDA SOB ENCOMENDA. PEDESTRE, USE SUA FAIXA.

R$

32.400, À vista


12

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

13


14

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

15


16

SEU DIREITO

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

A bola de neve das dívidas nos cartões de crédito POR DR. NIVALDO CRUZ*

O

s consumidores que tiveram acesso a cartões de crédito nos últimos anos estão com dificuldades em honrar as compras feitas. Conforme estudo recente do Banco Central, mostra que os juros médios desta modalidade são de 262,92% ao ano. A inadimplência média é de 29,6%, a mais alta entre todas as modalidades de crédito, o que implica dizer que 1 de cada 4 portadores de cartão de crédito está endividado. E mais: 30% dos portadores de cartão de crédito não estão pagando o valor total das faturas e sim parcelando as compras, um risco adicional enorme para levar à inadimplência. Os milhares de consumidores que se empolgaram transformando o cartão em fonte de renda, sem se atentar para as despesas do cotidiano, terminam por acumular muitas contas e o cartão acaba ficando sem pagamento. A procura sobre como resolver a dívida, cresceu 50% nos últimos dois meses, revela Nivaldo Cruz, presidente da ACEBA. “Embora as emissões de cartões tenham diminuído, por conta da crise que o

país atravessa, a concessão de limites maiores e a prática disseminada de promoções do tipo “12 vezes juros”, têm levado as pessoas a consumir mais. Em dado momento o orçamento doméstico extrapola e a conta não fecha, assim o consumidor entra na ciranda do pagamento rotativo”, . As administradoras de cartão de crédito são as responsáveis pela cobrança dos maiores juros do mercado brasileiro e do mundo. Somados à multa, juros por atraso, encargos e cobrança indevida de comissão de permanência, a conta pode passar dos 15% ao mês sobre as parcelas vencidas e não pagas. Ou seja, em um mês o consumidor é cobrado em taxas de juros equivalentes a 18 (dezoito) meses de rendimento da poupança. Importante frisar que a administradora do cartão de crédito, como o próprio nome indica, não é instituição financeira, por esta razão não poderia esta praticando taxas de juros tão elevadas. Além dos encargos citados tem-se a cobrança do CET. O CET (Custo Efetivo Total) é o preço total do financiamento e pode

ser encontrado na fatura. Ao não pagar toda a fatura, você entra no financiamento chamado “credito rotativo”. Normalmente, o CET desta dívida aparece como CET crédito rotativo. Segundo levantamento do Banco Central, o campeão em taxas foi o custo total do saque à vista no cartão de crédito do banco Santander: 967% ao ano!!! A propalada unificação dos cartões em uma única máquina no comércio, também não trouxe vantagens ao consumidor, como redução nos juros ou nos preços dos produtos vendidos pelo comércio, ou seja, o setor não tem repassado aos clientes as reduções de custo obtidas com ganhos de escala. E ainda existem administradoras de cartões que estabelecem uma cláusula em que o cliente confere uma procuração para esta administradora buscar empréstimos no mercado para cobrir o valor não pago da fatura no vencimento. Este dispositivo é conhecido como “cláusula-mandato” e exigiria da administradora uma postura de buscar o empréstimo com as melhores taxas para o cliente. Porém, na prática, elas são sempre

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

vinculadas a algum banco e não se preocupam em buscar taxas menores para os clientes, onerando ainda mais o consumidor. Além disso, a maioria das administradoras tem incorporado em seu serviço outras ramificações que de certa forma caracterizam venda casada. Como exemplo temos os seguros, que nunca cobrem a fatura no caso de inadimplência, plano odontológico, capitalização, etc. Em muitos casos o consumidor é convencido a adquirir tais produtos sem que de fato tenha conhecimento da forma de utilização. O seguro para a hipótese de desemprego, por exemplo, é vendido indiscriminadamente a qualquer cliente sem a observância da qual classe de trabalhador o mesmo se enquadra. Quando se vende este tipo de seguro a um trabalhador autônomo, pensionista, aposentado ou concursado, por exemplo, este jamais fará uso do produto, tendo em vista que não perderiam o emprego, ou, no caso do autônomo, não teria como comprovar o fim de uma relação trabalhista. Desta forma, as administradoras se locupletam ilicitamente a custo do consumidor hipossuficiente.

Dicas para sair da Dívida do Cartão: Caso não consiga um acordo administrativo ou *Dr. Nivaldo Cruz é Presiuma linha de financia- dente da Aceba.

Gosto do que gosto POR CONRADO MATOS*

I

nstintivamente, nós seres humanos temos vontades e desejos. Gostamos do que gostamos, e quando o outro tenta nos obrigar a seguir seus conceitos, seus desejos e escolhas, nós costumamos nos frustrar. Sabemos que em determinada circunstância da vida não podemos fazer livremente todas as nossas escolhas, porque dependemos do externo. Quando gostamos do que gostamos, podemos agir com mais independência. Podemos fazer algumas escolhas através das nossas ideias próprias. Selecionamos quem queremos como companheiro, gostamos de quem quisermos, assistimos o filme que queremos, comemos o que queremos, andamos de bicicleta nas manhãs, frequentamos praias sozi-

nhos ou acompanhados. São semelhantes escolhas que podemos fazer em consonância com as nossas próprias vontades. Mas, nem tudo podemos escolher de acordo com os nossos desejos, porque muitas vezes dependemos das escolhas e desejos dos outros. O certo é saber lidar com as frustrações e decepções que vão ocorrer durante essa caminhada. A autoaceitação é uma atitude grandiosa do seu interior para você enfrentar esse tipo de desafio. Gostar do que gostamos, podemos fazer conosco, o amor por si mesmo, amor próprio e valorização de si mesmo. Basta isso aí para garantirmos a superioridade do nosso eu, com autoeficiência e autorrespeito. Me respeito, porque gosto de

mim. Costumo agir com as minhas próprias ideias, escolhas e autoconvicção, porque sou responsável por essas atitudes. Sou responsável pela minha felicidade. Isso já é gostar do que gostamos. Gostar do que gostamos é uma atitude interior. É amor e sabedoria; é amor à nossa autoestima. No mundo externo tem gosto para tudo. Tem gosto para Chico e para Francisco. No mundo interno o gosto é uno. É gostar de verdade. No mundo externo ocorrem os riscos de relações com máscaras perigosas, que são falhas e duvidosas. O gosto mais autêntico que devemos desenvolver é o gosto por nós mesmos, embora, não devemos rejeitar os outros. Devemos gostar de ser amigos, colegas, cônju-

mento para quitar a dívida, você pode recorrer à Justiça. Em uma ação judicial, pode-se questionar os juros cobrados (que não podem exceder a média do mercado divulgada no site do BACEN), a capitalização de juros (que é vedada pelo STF), e a cobrança de multas indevidas (acima de 2% conforme Código de Defesa do Consumidor). O consumidor pode conseguir uma boa redução na dívida, mas terá que oferecer um valor para depositar em juízo mensalmente, se quiser tirar seu nome do SPC e SERASA; valor esse que tem sido fixado no máximo em 30% da renda do cliente. A cobrança de tarifas para emissão de boletos também é ilegal e pode ser questionada. Ademais, qualquer cobrança indevida de serviços ou dificuldade de cancelamento, seja dos produtos vinculados ao cartão ou do próprio cartão, poderá ser solucionada através da ação judicial.

ges e família. Tudo isso faz parte da nossa boa máscara ou boa persona.

Gostar do que gostamos, podemos fazer conosco, o amor por si mesmo, amor próprio e valorização de si mesmo.

*Conrado Matos é Psicanalista, Filósofo e Teólogo. Pós-graduado em Teoria Psicanalítica. E-mail: psicanaliseconrado@hotmail. com

Curiosidade do Ei,Táxi

A

contagem das edições do jornal Ei, Táxi está equivocada. O erro aconteceu por um descuido no processo de fundação do periódico, quando a primeira edição, que deveria ser a “n° 0”, foi intitulada “n° 01” Só percebemos o erro algum tempo depois e decidimos que mudaríamos quando atingíssemos a meta de cinco anos de vida. Pois bem, chegou o feliz momento da mudança. Um erro que transformou-se em desafio e agora, passa a ser uma curiosidade do Ei, Táxi.


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

Meu status financeiro, porque é tão importante? POR EDVAL LANDULFO*

J

á diz o ditado: “quando a corda aperta é melhor desatar o nó”. Tal conhecimento popular vale para quando falamos em finanças pessoais, assunto que grande parte da população brasileira, tendo ou não dinheiro, desconversa, principalmente para não ser comparado ou considerado “mão de vaca ou tio patinhas”. A verdade é que a maior parte das pessoas acredita que ao vir a vontade louca e repentina de adquirir bens e serviços, o importante é comprar e ser feliz. Como pagar, resolve-se depois. Entretanto, a economia tem um ciclo e de tempos em tempos, demonstra os seus novos rumos. Mas o que fazer para se proteger e prosperar diante de uma crise político-econômica que interfere no bolso de todo cidadão? É necessário, primeiramente, compreender a sua capacidade financeira, ou melhor, entender qual é o seu status financeiro para, posteriormente, adequar as suas necessida-

des e os seus desejos ao seu poder de compra, e, assim, evitar o total comprometimento da renda. Como o cenário econômico brasileiro ainda é uma incógnita e para evitar maiores problemas com suas finanças pessoais, está na hora de conhecer sua posição dentro das cinco categorias financeiras que medem o percentual que você compromete da renda para pagamento das despesas mensais e das dívidas (cartões, financiamentos, carnês, boletos, empréstimos e cheques), são elas: o Estável, o Equilibrado, o Comprometido, o Endividado e o Insolvente. - O Estável: Essa é com certeza a situação financeira que todos almejam, ter dinheiro sobrando para gastar. O dinheiro recebido pela realização do trabalho dar para poupar e realizar investimentos, pagar as despesas mensais e ainda usufruir com alguns supérfluos. Não há necessidade de fazer dívidas porque a compra na maio-

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ria das vezes é planejada com antecedência e pagas à vista. A pessoa aguarda sempre o tempo necessário para adquirir o bem ou serviço e não age por impulso, conhece profundamente seu fluxo de caixa. - O Equilibrado: Nessa categoria estão os indivíduos que antes de receber seu salário, já possui 30% destinado para pagamento de dívidas. Todas as contas mensais são pagas no vencimento e dificilmente recorre a empréstimos para saldar outras dívidas. Se tiver que comprar a prazo, faz pesquisas e aguarda boas oportunidades para comprar. Não utiliza muitos cartões de crédito e tem seu orçamento familiar na ponta do lápis. Ao poupar no mínimo 10% da sua renda pode com um tempo alcançar o status de estável. - O Comprometido: Vive com a corda no pescoço. Antes de receber seu salário, já compromete mais de 30% e pode variar até os 70% com pagamentos de dívidas. As despesas mensais estão sempre apertadas e não vive plenamente, apenas sobrevive para não estourar o orçamento familiar, privando-se de momentos prazerosos e até

necessários. Vive angustiado e estressado com receio de surgir alguma emergência familiar e ter que contar com empréstimos, e até mesmo entrar no descontrole financeiro. É necessário cortar as dívidas e reestruturar o orçamento para poupar e investir com sabedoria. - O Endividado: Se estava comprometido e não fez esforços para melhorar seu status financeiro, chegará ao endividamento, quando mais de 70% ou sua totalidade será destinada para pagamentos das dívidas. A manutenção familiar fica sempre comprometida, geralmente recorre a empréstimos e/ou ajuda de familiares. Não tem qualidade de vida e tem muitos problemas financeiros. O ideal é organizar as finanças, parar de contrair dívidas, conter os impulsos das compras e buscar ajuda profissional. - O Insolvente: Nessa última situação financeira o sujeito chegou ao fundo do poço. Suas dívidas são superiores à sua capacidade de pagamento, ou seja, não tem como pagar o que deve e muitas vezes falta até o básico em casa. Se alcançar esse nível

EDUCAÇÃO FINANCEIRA 17

será necessário procurar um Educador Financeiro e superar essa difícil situação. Independente do seu status financeiro é recomendável seguir seu orçamento familiar para não contrair dívidas e fazer despesas além da sua capacidade de pagamento. Todos podem e devem buscar o melhor para si e seus familiares, entretanto, sem organização financeira sua vida será uma eterna gangorra, feita de altos e baixos e dificilmente terá tranquilidade para manter ou aumentar seu patrimônio, ou pior, poderá perder tudo. Enfim, busque sempre práticas saudáveis para viver com qualidade de vida. Até o próximo encontro.

*Edval Landulfo é Economista, Coach e Educador Financeiro. www.landulfofinancas.com.br


18

Classificados

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA


ANO V . NÚMERO 60 . SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

19


20

JORNAL EI,TAXI - WWW.EITAXI.COM.BR

ANO V . NÚMERO 60. SETEMBRO 2015 . SALVADOR-BA

Jornal Ei, Táxi - Setembro de 2015  
Jornal Ei, Táxi - Setembro de 2015  
Advertisement