Issuu on Google+

conversa com o chef antônio devides

Empreendedor do Apesar de não possuir um diploma em gastronomia, Antônio Devides pode ser considerado um pesquisador da área. É ele quem desenvolve novos pratos do Sushi Maki Muitas das vezes, a figura do sushiman – vestido com o happi (roupa branca parecida com um jaleco) e o hachimaki (faixa na cabeça) – é comparada com a do chef de cozinha ocidental. Porém, a sua importância na secular tradição japonesa vai muito além de comandar os cozinheiros ou cuidar da criação dos pratos. O sushiman milenar é o chefe da família, o patriarca, aquele que lidera, administra e cuida de todos os detalhes em um restaurante japonês. Pode-se dizer que Antônio Devides, de 27 anos, proprietário do badalado restaurante Sushi Maki, é uma analogia moderna de um sushiman à moda antiga. Formado em administração, Antônio é quem faz a pesquisa gastronômica, desenvolve novos pratos, busca maior diversidade de ingredientes, faz o treinamento dos garçons, propõe a decoração da casa, e ainda põe a mão na massa na hora de fazer os temakis, sushis, niras, robatas e mais uma variedade de pratos, que não se

128

LET'S GO BAHIA

veem comumente nas casas de culinária oriental de Salvador.

força de vontade - O próprio Sushi Maki – que atualmente faz muito sucesso com uma fórmula que mistura excelente culinária com diversidade e qualidade, ambiente e boa música – começou como um projeto de conclusão de curso. “Eu não tinha experiência nenhuma na área de gastronomia, somente a vontade de trabalhar com comida oriental”, lembra Antônio. “Abri com a cara e a coragem e me acostumei a fazer de tudo, da cozinha ao atendimento”, afirma. Atualmente, a casa é uma das mais requisitadas em Salvador, tanto para quem quer apreciar grande variedade gastronômica do lugar quanto para aqueles que querem curtir, nos fins de semana, uma balada diferenciada. A Sushi Maki já possui três unidades: uma na Pituba, outra em Vilas do Atlântico e uma warehouse, no bairro do Itaigara.

por davi carneiro FOTOS ivan baldivieso


Deliciosos pratos, como o Cevite ao lado, demonstram a variedade do cardรกpio do Sushi Maki

W W W. L E T S G O BA H I A .CO M . B R

129


conversa com o chef antônio devides

A casa prepara sushis, niras, robatas, com uma grande variedade de ingredientes. Tudo isso acompanhado de deliciosos drinks

Apesar de não ter diploma de gastronomia ou formação teórica, Antônio é um verdadeiro pesquisador da área. “Juntei duas paixões na minha vida: viajar e comer. E nessa ‘brincadeira’, fiz viagens pela Europa, América do Sul e pelos principais polos gastronômicos do Brasil. Empenhei-me em absorver os ensinamentos e o melhor de cada um desses lugares. A minha diversão é ficar em casa misturando influências, ingredientes e criando novos pratos”, afirma. “Existe uma dificuldade muito grande para conseguir uma variedade de ingredientes em Salvador, e por isso trago muita coisa de São Paulo e de fora. A famosa variedade de nossos pratos reflete essa preocupação em extrapolar o comum e apresentar novas iguarias aos baianos”, conclui. Além dessa variedade, o ambiente do Sushi Maki é outro grande diferencial. O espaço conta com varanda coberta, salão com pé-direito alto, 130

LET'S GO BAHIA

lounge e um mezanino a céu aberto. A decoração, que segue os traços típicos do Japão, conta com uma varanda e um salão climatizado. Entre os pratos que se destacam, encontra-se o Ebi warehouse, que traz camarão grelhado acompanhado de brócolis refogado com shimeji, e o temaki de camarão empanado envolto em lâmina de salmão. Dentre os temakis principais, há um especial até no nome: o Special Maki. No lugar da alga tipo nori, um filé de salmão maçaricado recheado com as mais variadas iguarias orientais. Além dos temakis, vale ressaltar o cardápio exclusivo de ceviches e pizzas japonesas.

Serviço: Sushi Maki, Rua das Hortênsias, 954, Itaigara Av. Manoel Dias da Silva, 2.364, loja 06, Pituba Av. Praia de Itapuã Quadra 27, Vilas do Atlântico Tels.: (71) 3346.4366 / 3379.2130


Empreendedor do sushi