Issuu on Google+

EDIÇÃO 110 - MAIO/JUNHO DE 2011 - MT|BRASIL - jornalmundial@gmail.com

Vigiai servos de Deus! “E as coisas que vos digo, digo-as a todos: Vigiai!”, Marcos 13.37

Titanic

em nossa sociedade

Admirável mundo novo? A nova realidade: ele usa Viagra. Ela toma a pílula. A filha está convicta de que o ventre lhe pertence. O filho vai desfrutar as noites românticas munido de um preservativo. Educação sexual nas escolas. Homossexuais e lésbicas em destaque. Página 3

O movimento

homossexual e os cristãos Recentemente o STF, por meio de um malabarismo jurídico e ao arrepio da Constituição, reconheceu a união estável entre casais homossexuais. Página 3

Capelania Evangélica em todo Mato Grosso

Página 5

O

O namoro cristão é uma preparação, um período extremamente importante na vida de dois jovens cristãos e de muitas responsabilidades. Representa um período de transição entre um homem e uma mulher, crentes no Senhor Jesus Cristo. Ambos devem ter um bom nível de maturidade e de comunicação para, através deste relacionamento, ser preparados por Deus para um futuro casamento. Namoro cristão deve sempre visar o casamento. Um namoro que não tem como alvo um futuro casamento, sequer deve ser iniciado. Embora o desejo seja que ambos se tornem íntimos em seu relacionamento, isso não quer dizer liberdade no aspecto físico e muito menos liberdade sexual entre o casal de namorados. A relação sexual está destinada a ser desfrutada apenas entre

pessoas devidamente casadas (Hebreus 13.4;

Gênesis 2.24; Cantares de Salomão 4.12; 1 Tessalonicenses 4.3-5; Colossenses 3.5-6; 1 Coríntios 6.15-20; 1 Timóteo 5.22; 2 Timóteo 2.22).

1) Espiritual – forte. Deus em primeiro lugar, nunca seu namorado (a). 2) Vontade, emoções e mente dentro do plano de Deus.

Este é um período de conhecimento mútuo, conhecimento da alma, do coração, nunca do físico. O aspecto físico está destinado para depois do casamento. Portanto, exige disciplina própria, vigilância constante. É um tempo onde se obtém oportunidade de duas personalidades diferentes se harmonizarem, conhecerem um ao outro.

3) Corpo (físico) – sob controle.

Comunhão espiritual é fator primordial. Quanto mais próximo cada um estiver de Deus, mais próximo estarão um do outro.

3) Físico – sensual.

O padrão de Deus para um namoro bem sucedido é este:

Pastor Rubens Siro de Souza

Missões no Mundo

Quando um namoro está fora do padrão de Deus, o que acontece é justamente o contrário: 1) Espiritual – fraco. A sensibilidade espiritual está cauterizada. 2) Emoções, vontade e mente – descontrolada. Portanto, fora do padrão de Deus ocorre que o lado espiritual fica cauterizado; a mente, a vontade e as emoções raciocinam de forma sensual e o físico fica corrupto.

Setor Marajoara 27 anos de muitas bênçãos Bodas de Ouro: José Freire e Alzira Viana UMADECRE: Pr. Francisco Fernando na Superintendência Aniversário do Pr. Cristiano Rosa e a obra em Leverger Jovens do Jardim Fortaleza Conjunto Melodia Divinal - Setor Governador Fragelli, Deus sabe o que há no coração do homem

Missionários Valdenor e Luzinete no Brasil Ev. Sérgio e família: visto religioso para os EUA Missionários na Convenção Geral em Cuiabá Secretaria de Missões visita igrejas do Estado Agenda Missionária Encontro Estadual dos Secretários de Missões Missionário Oíres e Maria retornam do campo Missões em Jerusalém Página 8

pg. 4 pg. 4 pg. 4 pg. 5 pg. 4 pg. 4 pg. 6

Espaço Reservado para Carimbo


Presidente da COMADEMAT Pr. Sebastião Rodrigues de Souza Conselho Consultivo Pr. Antônio Gregório de Almeida Pr. Enésio Barreto Rondon Pr. Francisco Fernando Viana Pr. Inácio Loyola Diretor Pr. Juvanir de Oliveira (www.pastorjuvanirdeoliveira.com.br) Editor Chefe José San Martin Caminã Neto DRT/MT 1.089 Revisão João César de Siqueira Departamento Comercial ANDERSON BRUNINI MOUMER (65) 9909-0194/ (65) 8409-6922 anderson@umasemente.com.br JUANDER DE OLIVEIRA Secretaria de Redação Pr. Gutemberg Brito Junior Ev. Manoel Januário Proença Secretários do Jornal Pr. Raimundo Ximenes EV. GABRIEL DOS SANTOS Artes e Diagramação Abilio Jacques Brunini Moumer Participação Especial e Fotos

Pietros Augusto, Uma Semente e Jesus Comigo

uma publicação mensal da Igreja Evangélica Assembléia de Deus em Cuiabá e Estado de Mato Grosso. Redação, administração e publicidade, sito, Av. Hist. Rubens de Mendonça, nº 3500, Bosque da Saúde – Centro Político Administrativo (CPA), Cuiabá – Mato Grosso – Brasil,CEP: 78050-000.Centro de Evangelismo das Assembléias de Deus em Cuiabá e Estado de Mato Grosso – Grande Templo A correspondência para a publicação deve ser endereçada ao Departamento de Redação. A direção é responsável perante a lei por toda a matéria publicada. Perante a Igreja, os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores, não expressando necessariamente a opinião deste periódico. A direção se compromete em publicar apenas os artigos solicitados.

jornalmundial@gmail.com.

Em todo tempo na presença de Deus

Aos que acham difícil a caminhada cristã, com suas provas inerentes, a Palavra de Deus tem encorajamento e respostas claras. Sempre houve fiéis, como Enoque, Noé, Jó, Abraão, Isaque, Israel e outros, em tempos de indiferença ao Criador e suas leis. Num tempo tão depravado como o atual, Enoque manteve-se separado do pecado nos 365 anos que viveu na Terra, até que Deus para si o tomou, Gênesis 5.24. O verso em Eclesiastes 9.8 soa como uma referência a ele: “Em todo tempo sejam alvas as tuas vestes, e jamais falte o óleo sobre a tua cabeça”. Nosso culto deve seguir

o imperativo de Levítico 6.13: “O fogo arderá continuamente sobre o altar; não se apagará”.

Na verdade, nossa reclamação às lutas não passam de egoísmo diante de tudo quanto o Salvador padeceu. Nosso sofrimento é insignificante, comparado com a glória que Ele nos dará mais tarde, Romanos 8.18. Por isso, Suas ordens são claras: “olhai, vigiai e orai”, Marcos 13.33. “Orai sem cessar”, 1 Tessalonicenses 5.17. “... orando em todo tempo no Espírito e para isto vigiando com toda perseverança e súplica por todos os santos”,

Efésios 6.18b.

No mais, para superarmos os desafios diários temos de nos fortalecer espiritualmente. “O pão nosso cotidiano dá-nos de dia em dia”, Lucas 11.3. Nosso anseio por mais intimidade com o Senhor será saciado eternamente. “Uma coisa peço ao Senhor, e a buscarei: que eu possa morar na Casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a beleza do Senhor e meditar no seu templo”, Salmos 27.4. Maranata! Ora vem Senhor Jesus.

Pastor Sebastião Rodrigues de Souza Presidente da COMADEMAT e do Mensageiro da Última Hora

“Na verdade, nossa reclamação às lutas não passam de egoísmo diante de tudo quanto o Salvador padeceu.”

A Vontade de Deus e a nossa Quando fazemos nossa própria vontade (a vontade da carne, do ego, do velho homem ou, simplesmente, da velha natureza pecaminosa) e agradamos a nós mesmos, nos tornamos inimigos de Deus. Adão e Eva estavam vestidos da pureza, retidão, santidade até o dia em que desobedeceram a um preceito divino. Seus vestidos de glória deram lugar à nudez, malícia, vergonha e medo. Quando Deus os procurou estavam escondidos e maltrapilhos. Tentaram repassar a responsabilidade aos outros até ouvir cada qual a sua

sentença. A morte, a dor, o sofrimento, as lágrimas passaram a fazer parte da existência (morte em vida). Desde então, o mundo seguiu sem rumo, satisfazendose a si mesmo, enquanto a Providência mantinha acesa a esperança da chegada do Libertador, o Desejado das nações, o Messias prometido no mesmo dia triste no Éden. “... Este te ferirá a cabeça...”, Gênesis 3.15b. A próxima cena mostra Noé, arca e o dilúvio. Cam, irreverência e a continuidade do mal. Depois, juízes, reis, profetas. Líderes que se

revezavam em obediência e apostasia. A atual geração tem o privilégio de poder se firmar no sacrifício de Cristo no Calvário. Olhar o passado para não errar. Agradar a Deus no presente e perseverar até o fim para desfrutar o futuro glorioso garantido a tantos quantos servirem a Deus. “Se alguém quer ser meu seguidor, que esqueça os seus próprios interesses, esteja pronto cada dia para morrer como eu vou morrer e me acompanhe” Lucas 9.23.

José San Martin Caminã Neto Editor Chefe do Mensageiro da Última Hora

“A atual geração tem o privilégio de poder se firmar no sacrifício de Cristo no Calvário. ”

• CREMOS • 1) Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29). 2) Na inspiração verbal da Bílbia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida eo caráter cristão (2 Tm 3.14-17). 3) Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus (Is 7.14; Rm 8.34 e At 1.9). 4) Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode restaurá-lo a Deus (Rm 3.23 e At 3.19).

5) Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus (Jo 3.3-8). 6) No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma, recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor (At 10.43; Rm 10.13; 3.24-26 e Hb 7.25; 5.9). 7) No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo (Mt 28.19; Rm 6.1-6 e Cl 2.12). 8) Na necessidade e na possibi-

lidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb 9.14 e 1Pd 1.15). 9) No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo, com a evidência inicial de falar em outras línguas, conforme a sua vontade (At 1.5; 2.4; 10.44-46; 19.1-7). 10) Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a Sua soberana vontade (1 Co 12.1-12). 11) Na Segunda Vinda pré-

milenial de Cristo, em duas fases distintas. Primeira - invisível ao mundo, para arrebatar a Sua Igreja fiel da terra, antes da Grande Tribulação; segunda - visível e corporal, com Sua Igreja glorificada, para reinar sobre o mundo durante mil anos (1Ts 4.16. 17; 1Co 15.51-54; Ap 20.4; Zc 14.5 e Jd 14). 12) Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo, para receber recompensa dos seus feitos em favor da causa de Cristo na terra (2Co 5.10). 13) No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis (Ap 20.11-15). 14) E na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis, e de tristeza e tormento para os infiéis (Mt 25.46).

A


A

Admirável mundo novo? A nova realidade: ele usa Viagra. Ela toma a pílula. A filha está convicta de que o ventre lhe pertence. O filho vai desfrutar as noites românticas munido de um preservativo. Educação sexual nas escolas. Homossexuais e lésbicas em destaque. A televisão dá aulas de sadomasoquismo. Pornografia infantil na internet. “Ficar” ao invés de união indissolúvel. Período de experiência ao invés de casamento. O sexo é o esporte mais popular. A família está em retirada. “Singles” por opção. O número de separações cresce – o de casamentos diminui. Prazer ao invés de amor, divertimentos no lugar de deveres, a carreira ao invés da família – essas parecem ser as aspirações mais comuns na sociedade moderna, e para muitos são evidências de qualidade de vida mais elevada. Os filhos são as vítimas. Toda separação danifica suas almas infantis. Muitos não conhecem direito seus pais. Outros vivem com estranhos ou se criam em famílias dilaceradas. Eles são entregues a babás, são colocados em creches, abandonados na frente da televisão. De onde, afinal, vem a violência nas escolas, qual é a raiz da criminalidade infantil, por que a fuga para as drogas? Entretanto, milhões de pais ainda amam seus filhos mais do que tudo no mundo, os protegem e cuidam deles. Que eles nunca se deixem enganar! Eles, e não

os outros, são os construtores de um mundo verdadeiramente admirável. Existem pessoas neste mundo que falam uma linguagem bem mais clara do que muitos crentes. Eles veem a decadência da nossa sociedade e os frutos dela resultantes – e têm a coragem de identificar e apontar os problemas. Que Deus abençoe tais homens e mulheres! As palavras do Senhor no Salmo 106.21 parecem servir melhor para nossa época do que para qualquer outra: “Esqueceram-se de Deus, seu Salvador...” Por isso, é justamente a nossa geração que precisa tanto do Libertador e Salvador. A Bíblia diz: “Ora, é para esse fim que labutamos e nos esforçamos sobremodo, porquanto temos posto a nossa esperança no Deus vivo, Salvador de todos os homens, especialmente dos fiéis”, 1 Timóteo 4.10 Não vamos cessar de anunciar o Seu Evangelho a todo o mundo em amor, orando para que o Senhor Jesus ainda se torne Salvador de muitos. Somente por Ele é que as famílias se tornam sadias, os filhos ganham esperança e um fundamento que não vacila. Somente por meio de Jesus a alma é curada, somente através dEle a nossa sociedade pode ser renovada. Pr. Norbert Lieth, diretor internacional da bra Missionária Chamada da Meia-Noite (Mateus 25.6)

O movimento

homossexual e os cristãos

A temática homossexual vem ganhando relevância no Brasil. Recentemente o Supremo Tribunal Federal, por meio de um malabarismo jurídico e ao arrepio da Constituição, reconheceu a união estável entre casais homossexuais. Aliado a isso, tramita no Senado Federal o projeto de lei n.º 122/06 que, entre outras coisas, pretende criminalizar a chamada “homofobia” de modo a punir todos quantos venham a se manifestar contra o comportamento homossexual. Grande parte da mídia (alienada sobre o que sejam valores morais e princípios familiares) tem dado ao tema contornos de um pensamento politicamente correto. Com isso, aqueles que não aceitam o homossexualismo como forma correta de convivência são logo taxados de intolerantes, preconceituosos e, sobretudo, homofóbicos (que possuem aversão aos gays). Com efeito, dentro desses dias trabalhosos (2 Timóteo 3.1) o certo vai sendo chamado de errado e o errado de certo. Frente a isso, o cristão se vê diante de um grande desafio: defender sua fé (I Pedro 3.15) e manifestar suas convicções sem que seja censurado.

Nesse contexto, é preciso enfatizar que a Bíblia condena o comportamento homossexual (Romanos 1.26,27), em respeito ao propósito primordial de Deus na constituição da família entre homem e mulher. Conforme escreve Esdras Costa Bentho: “Deus é quem decidiu criar a família. Esta foi formulada para ser um centro de comunhão e cooperação entre os cônjuges. Um núcleo por meio do qual as bênçãos fluiriam e se espalhariam sobre a terra (Gênesis 1.28). De modo que essa verdade bíblica não poder ser abandonada mesmo em meio a forte pressão social exercida por uma minoria que tenta impor seu pensamento, a qual atenta contra os princípios da cosmovisão cristã. Por outro lado, é preciso ressaltar também que, embora a Bíblia não chancele o comportamento homossexual, os cristãos não são homofóbicos ou preconceituosos. O verdadeiro cristão não incita a violência ou a discriminação contra qualquer pessoa. Rejeita o pecado, mas busca a transformação do pecador. Dr. Valmir Nascimento Milomem Santos Pós-graduado em Direito, presbítero da Assembleia de Deus, educador cristão em Cuiabá, MT


Governador

Fragelli

2° Hiper Festival de Espetos do Conjunto Melodia Divinal, da Assembleia de Deus - Setor Governador Fragelli, no dia 18 de maio de 2011.

Bodas de Ouro

UMADECRE

José Freire e Alzira Viana

ÉÉÉ PENTA!

Bodas de Ouro de José Freire e Alzira Viana, na Assembleia de Deus, Várzea Grande-MT, no dia 09 de maio de 2011.

No culto do dia 18/05/2011 da UMADECRE, o pastor Francisco Fernando assume pela 5ª vez a superintendência para 2012.

Jd. Fortaleza

1° Encontro de Jovens do Jardim Fortaleza, Setor Osmar Cabral, nos dias 21 a 24 de abril de 2011.

Esta página é uma parceria do Mensageiro da Última Hora com o maior site de eventos evangélico de Mato Grosso

Setor Marajoara: 27 anos de muitas bênçãos

“Jesus disse: vem. E Pedro, descendo do barco, andou sobre as águas para ir ter com Jesus”, Mateus 14.29

À direita: Pr. Juvercino e esposa Alzira

Lendo a passagem acima, vemos o apóstolo Pedro em meio a uma experiência que ainda não conhecia. Deixou os seus companheiros no barco, provido de segurança, podendo até ser chamado de herói, determinado e destemido. Sob a ordem de Jesus, Pedro caminhou por cima das águas como se estivesse caminhando em terra firme. Jesus não muito distante bradou: “Vem!”, v.29a.

Abaixo:Conjunto do Círculo de Oração “Vozes de Júbilo”

A Igreja Evangélica Assembléia de Deus do Setor Marajoara, em Várzea Grande-MT, na direção do pastor Jovercino Nunes Andrade, vive momentos regozijo com o derramamento das bênçãos de Deus sobre todos os departamentos. “Jesus está no controle de todas as coisas”, ressalta o líder. O trabalho foi fundado no ano de 1984. Em clima de festa o Conjunto do Círculo de Oração “Vozes de Júbilo”, que foi organizado no mesmo ano da fundação da igreja, estará comemorando o seu

O Perigo do Embaraço

27º aniversario nos dias 23 a 26 de junho de 2011. No início, eram poucas irmãs. Uns plantaram, outros regaram e o Senhor Jesus deu o crescimento. Hoje, o conjunto conta com 120 componentes ativas, louvando a Deus. Na liderança do Circulo de Oração estão as irmãs Maria de Jesus e Verônica. Na coordenação geral a irmã Alzira Ferreira Andrade. O pastor Jovercino Nunes Andrade, juntamente com sua família, vem cooperando nesta obra a mais de 12 anos.

Hebreus 12.1-2, diz: “Portanto, nós também, pois, que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia e corramos, com paciência, a carreira que nos está proposta, olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus”. Era esta a condição que levaria Pedro até Jesus em plena segurança.

Embaraço e frustração Em Mateus 14.30 lemos: “Mas, sentindo o vento forte, teve medo; e, começando a ir para o fundo, clamou, dizendo: Senhor, salva-me”. Em um

pequeno vacilo, Pedro se envolveu com o embaraço que estava ao seu redor, quando foi atingido por um forte vento. Só havia uma alternativa: clamar por socorro. Foi o que fez. “E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o e disse-lhe: Homem de pequena fé, por que duvidaste?”, v.31. O embaraço é uma armadilha que o Adversário utiliza para envolver aqueles que servem a Deus. As vitimas do embaraço não conseguem se locomover. Frustrados e sem esperança, findam a carreira logo no inicio ou, quando muito, no meio da jornada. As desculpas são as mesmas, sempre ocupadas com as coisas desta vida, comprando “campos e juntas de bois”, Lc 14,18-19. “Ninguém que milita se embaraça com negócio desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra”. 2Tm 2.4. Nesta advertência observamos o que diz Daniel 12.13: “Tu, porém, vai até ao fim; porque repousarás e estarás na tua sorte, no fim dos dias”. Jovercino Nunes Andrade, é pastor da AD Setor Jardim Marajoara Várzea Grande-MT


Aniversário do pastor e a obra avança em Leverger

Preda fundamental: Assentamento Nª. Sª. de Fátima

Preda fundamental: Barreirinho

Preda fundamental: Varginha

A Igreja Assembleia de Deus no município de Santo Antônio de Leverger (32 km de Cuiabá), atualmente sob a liderança do pastor Cristiano Rosa, mostra sua pujança com o início da construção de três novos templos para melhor abrigar o povo de Deus.

sábado, dia 21 de maio, no assentamento N. Srª de Fátima, Comunidade Barreirinho e Comunidade Varginha.

Aniversário do pastor

O lançamento da pedra fundamental das três obras aconteceu na tarde de

Os eventos foram prestigiados por vários obreiros de Cuiabá, entre eles os pastores Jeremias de Brito, Luis Carlos Milhomem, o vereador Luis Amorim, além de vários irmãos.

Os irmãos presentes em Sto. Antônio participaram de um delicioso almoço (peixada), em comemoração ao aniversário do pr. Cristiano Rosa. Que Deus continue a confirmar a obra das mãos do seu servo em Sua Seara.

Aniversário do Pastor Cristiano Rosa

Entre no site www.umasemente.com.br e veja os eventos da igreja e a Palavra de Deus para sua vida.

Capelania Evangélica passa atuar em todo Mato Grosso

A

A Capelania Evangélica Hospitalar – “Os enfermeiros de Cristo” passou a atuar em todas as cidades do Estado. De acordo com a última Assembléia Geral Ordinária (AGO) da Conversão Geral das Assembléia de Deus no Brasil (CGADB), realizada em Cuiabá nos dias 12 a 14 de abril, a Capelania Evangélica Hospitalar “Os Enfermeiros de Cristo” passa a ser a Capelania Evangélica Assembléia de Deus de Mato Grosso (CEADMT), tendo reconhecimento em todo e território nacional, pelo Conselho de Capelania da CGADB. A CEADMT “Os enfermeiros de Cristo” possui um grupo de 300 capelães voluntários, evangélicos, alguns dos quais já atuam na área da saúde. Eles atendem a toda a região de Cuiabá e Várzea Grande e baixada cuiabana.

“Agora, com o apoio do Conselho de Capelania, da CGADB, a CEADMT deve expandir os trabalhos de visitação e assistência religiosa a outras regiões. A CEADMT passará a atender o público de presídios, escolas, creches, universidades, quartéis militares, empresas, câmaras, prefeituras, além de áreas, comunitária, empresarial, meio ambiente, aconselhamento e assistencial”, explica o coordenador geral da CEADMT, João F. Dourado. A Capelania atua desde 2003, realizando de visitas a hospitais e abrigos de idosos. Os capelães levam aos leitos hospitalares assistência religiosa aos pacientes internados e seus respectivos acompanhantes, familiares, além de funcionários dos hospitais e abrigos.

João F. Dourado Coordenador Geral da Capelania Hospitalar Evangélica "Os Enfermeiros de Cristo"


M

Deus sabe o que há no

coração do homem

“Mas o mesmo Jesus não confiava neles, porque a todos conhecia. E não necessitava de que alguém testificasse do homem, porque ele bem sabia [e sabe] o que havia no homem” João 2.24,25, grifo nosso. O Senhor sabe muito bem quem serve ou não serve a Ele, e sabe quem somente ocupa alguns espaços por causa da regalia. Muitos ocultam coisas horríveis e nojentas e continuam ocultando, pois conseguiram ocultar os primeiros pecados. É simplesmente um ocupante de espaço, como uma prótese, por exemplo. É usado (prega, ensina, opera milagres), mais é morto, a exemplo de um olho postiço. É um olho, porém é cego. Fala muito do céu, mas não conhece o céu nem por dentro ou fora (nem por notícia), e tem o nome escrito na terra. Exemplo:

– Apocalipse 3.3: “Lembrate, pois, do que tens recebido e ouvido, e guarda-o, e arrepende-te. E, se não vigiares, virei sobre ti como um ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei”. – Jeremias 17.13 “Ó minha montanha no campo, a tua

riqueza e todos os teus tesouros darei por presa, como também os teus altos por causa do pecado, em todos os teus termos!” Porque grande só é Deus, o Todo Poderoso. “Assim saberão todas as árvores do campo que eu, o Senhor, abati a árvore alta, elevei a árvore baixa, sequei a árvore verde e fiz reverdecer a árvore seca, eu, o Senhor, o disse e o farei”, Ezequiel 17.24.

Deus fala com os pequenos que querem ser grandes, que Ele usará os pequenos. Cuidado, mas cuidado mesmo! “Antes, dá maior graça. Portanto diz: Deus resiste aos soberbos, dá, porém, graça aos humildes”, Tiago 4.6,7. Versículo 7: “Sujeitai-vos, pois, a Deus; resisti ao Diabo, e ele fugirá de vós”. Cuidado com a vossa soberba, arrogância e orgulho. Alguns dizem: eu fiz e faço, eu sou assim, sou eu, eu, eu... Cuidado! Mas quem disse “Eu Sou”, está vendo todas as coisas. Pastor Sebastião Valério, líder do Setor Pascoal Ramos Cuiabá-MT


A

Vigiai servos de Deus! “E as coisas que vos digo, digo-as a todos: Vigiai!”, Marcos 13.37

Aplicado no sermão a respeito da vigilância, na profecia que abrange algumas ocasiões, sendo que a primeira aconteceria próximo daqueles dias, à destruição de Jerusalém, pois quando Tito, filho de Vespasiano o imperador Romano, foi enviado a governar a Judéia, aproveitou a oportunidade para destruí-la, porque tinha grande ódio dos Judeus. Consequentemente, todo o povo de Deus sofreu os grandes males e perdas irreparáveis, ficando desde então ali as ruínas, pois os soldados disseram: “deixemos um pedaço dos muros para que as gerações futuras vejam a grandiosidade do exército romano”. Por não terem mais o templo para adorar, faziam suas orações ali mesmo, naquelas ruínas, aquele trecho de muralhas sempre regado pelas lágrimas dos hebreus cumprindo a profecia de Jesus. Por isso tem o nome de “muro das lamentações” (História dos Hebreus, Flavio Josefo). E Jesus disse mais, que estivessem vigilantes, e que esperassem sua volta, isto aplicado tanto para a sua volta gloriosa, quanto para a morte física. Não podemos dizer quando será Sua volta, porque Deus não revelou o dia e nem a hora. O nosso dever é estar alertas e vigiarmos em oração. Não sabemos se Ele virá para nós na infância, na juventude, na idade madura ou na velhice, pois assim que nascemos começamos a morrer. E quando Ele vier não devemos estar confiados em nossos corações, agradando a nossas concupiscências, confortavelmente na preguiça e sem se preocupar com a obra e o dever. O Senhor aconselha que, para bem de cada um, é necessário estar sempre pronto, como na noite da páscoa, na saída rápida do Egito. O Senhor sempre tem dado as condições de paz e pureza, e direcionamento para estarmos revitalizados no caráter da fé e

santificação sem a qual ninguém verá a Deus, como Paulo escreveu 1 Tessalonicenses 5.23. “E que o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo... o corpo a alma e o espírito, para que sejam plenamente conservados irrepreensíveis, sempre prontos para a volta de Jesus”. Muitos serão surpreendidos, e serão deixados para trás. Revitalizar, como diz na revelação de Apocalipse 22.14. “Com as vestiduras espirituais em ordem, limpos e perfumados com bom cheiro de Cristo (pureza e unção) para que possa entrar na cidade pelas portas e ter direito a árvore da vida”. Conta-nos a história que nos empreendimentos de guerras nos tempos dos impérios, antes de saírem a uma batalha, já antecipavam a construção de um arco do triunfo, como sinal de otimismo aos soldados e a todos que lutassem com bravura, para que pudessem gravar em seus subconscientes que seriam vencedores e triunfariam como heróis. O maior prêmio seria passar naquele arco depois da vitória. Na arte da guerra, aprendiam que mesmo no ápice da peleja e no momento mais difícil, jamais desistiriam, pois eram treinados e preparados arduamente até impregnarem em suas mentes e nos seus corpos físicos a não sentir medo e nem dor, e que deveriam lutar até a vitória, porque assim a alma seria honrada para sempre como herói e jamais como covarde. Isso é citado pelo apóstolo Paulo em 2 Coríntios 2.14. “E graças a Deus que sempre nos faz triunfar em Cristo, e por meio de nós manifesta em todo o lugar o cheiro do seu conhecimento”. Quando o exército voltava da peleja trazendo seus despojos numa fileira quase interminável com o grande tropel de cavalarias e homens de todas as estaturas,

classes e divisas sociais e militares adentravam a cidade, observados pela multidão de homens e mulheres de todas as idades que jubilavam com inenarrável alegria que poderia ser vista na face de todos. * Aquele desfile era conduzido por Sua Majestade o Imperador que tomava a frente, montado em seu magnífico ginete encilhado com os brilhos do ouro e da prata, e que, por conseguinte vinham os generais e capitães com as legiões dos mais excelentes, em seguida as classes de infantarias, uma após a outra por ordem de méritos, então o próximo grupo seria o pelotão dos perfumistas, imprescindíveis nas solenidades de honras ao império, e por ultimo percorria os trôpegos e cansados perdedores, capturados como escravos. Afinal, estariam entrando na cidade através do arco do triunfo, pelo único caminho que havia, e de acordo com as regras axiológicas da verdade e da justiça, a lei ordenava que apenas os que tivessem com vida poderiam passar, e até mesmo os escravos passariam, mas, somente depois de serem remidos e consagrados numa solenidade onde os sacerdotes do reino far-lhes-iam a purificação pelo cheiro suave do incenso e da mirra. Desde então, poderiam ser participantes daquele reino, somando aos ganhadores e heróis que conseguiram chegar com vida. Esta alegoria nos faz lembrar termos Bíblicos, que há um maravilhoso reino cujas características são semelhantes ao dessa história, ilustre Senhor e majestoso Rei, justo e generoso, que com seu poderoso exército, resolveram se levantar contra o reino das trevas, para libertar da tirania e maldade os oprimidos e libertá-los. Depois da grande vitória, como era próprio dos Impérios fazer o cortejo triunfal e adentrarem no reino através da porta do Triunfo com festa de vitória. E assim mesmo a Bíblia nos revela que o Príncipe

Celestial venceu o império do mal e levou consigo os despojos e que juntamente todos os que se renderam aos seus pés. E chegando de volta ao seu reino se ouviu um brado de aclamação pelas miríades que diziam “levantai ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos ó entradas eternas, e entrará o Rei da glória. Quem é esse Rei da glória? É o Senhor forte na guerra e poderoso na batalha. O Senhor dos Exércitos é o Rei da glória”. O apostolo Paulo falou do bom perfume de Cristo, que por meio de nós, manifesta em todo lugar o bom cheiro do seu conhecimento. Pelo que nos consagrou mesmo sem direito, pois éramos escravos do pecado e condenados, mas nos remiu pela sua misericórdia, nos dando o direito de sermos participantes do seu reino. “Se, pois, o filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres”, João 8.36.

Pastor Rubens Siro de Souza Vice-Presidente das Assembléias de Deus de Cuiabá


Pr. Manoel Firmino Calle Arenal, nº 10 – Santa Cruz de La Sierra Província Florida – Mairana - Bolívia E-mail: botelhomoraes@hotmail.com

Missionários Valdenor e Luzinete no Brasil Depois de 17 anos na obra missionária, servindo a Deus na Colômbia, Inglaterra, Grécia e Estados Unidos, os missionários Valdenor e Luzinete Oliveira foram chamados ao Brasil para servir por um período em nossa Base Missionária, onde estão atuando na Secretaria Estadual de Missões (Semad) até segunda ordem. Ev. Sérgio, esposa Ivonelly, e filhos Camilla e Sérgio Vitor Depois de muitos meses uma árdua batalha junto ao Deptº de Imigração dos EUA, saiu em abril o visto religioso para esta família. Agora aguardam o sinal verde da parte de Deus, bem como do ministério, para prosseguirem viagem, para onde o Senhor determinar. Secretaria de Missões visita igrejas do Estado Voltamos a intensificar o envio de equipes missionárias ao interior. Recentemente, o pr. Valdenor, com apoio do pr. Francisco, dc. Rodrigo Venceslau e o cantor Robson, visitaram Jauru, Araputanga, Rio Branco e Mirassol D’Oeste. A equipe do ev. Sebastião Conde, com o apoio do ev. Genison Rondon, cantor Samuel Mello e pb. Marcioney esteve em Cocalinho, Água Boa e Barra do Garças. Missionários na Convenção Geral em Cuiabá Estiveram em Cuiabá na Convenção Geral os missionários pr. Valmir Farinelli (Itália), pr. José Lopes (Newark, NJ., EUA), do Japão: pr. José Gomes de Abreu, Pr. Geziel Gomes, Pr. Icaro Lopes, Pr. Wilson Leal.

Diretoria da Semad

Pr. Sebastião Rodrigues de Souza Presidente da SEMAD

Agenda Missionária Reunião mensal: Para os secretários acontece todo primeiro sábado às 22 horas, seguindo com a Vigília Missionária. Em julho será dia 02 e agosto no dia 06. Nova reunião: Foi criada para atender aos secretários que não possam vir no sábado. Toda terceira quarta-feira, às 19 horas, no Grande Templo. Julho, dia 20 e agosto, dia 17. Encontro Estadual dos Secretários de Missões Convocamos todos os secretários, especialmente os do interior, para eventos da Semad durante a Escola Bíblica de julho, como um encontro para informes, troca de experiências e elaboração de uma agenda conjunta. A reunião será no sábado dia 09, às 14 horas, na Sala Convencional do Grande Templo. Mais informações: (65) 3644-2831/2583 (Semad). Missões em Jerusalém Além da obra missionária nos confins da terra, precisamos fazer missões em nossa capital em parceria com diversos departamentos da igreja, pois Missões começam em Jerusalém. Estamos programando evangelismo em semáforos da Grande Cuiabá. Os participantes já preparam mobilização. Missionário Oíres e Maria retornam do campo Depois de uma segunda temporada em Timor Leste, apoiando a formação de obreiros locais, este casal retornou ao Brasil no dia 20 de maio. Aguardam orientação divina para nova missão.

Miss. Ivan Gho e Sumaya Mechaileh Los paltos nº 2638, La Pintana, Santiago - Chile E-mail: ivan_gho@hotmail.com Fone: 562 8510277 Pr. José Geraldo Lopes 159 Johnson ave Newark, NJ 07108, Estados Unidos E-mail: prjglopes@aol.com

Pr. Valdenor Assis de Oliveira San Francisco - Califórnia - US E-mail: valdenoroliveira@hotmail.com Adão Soares de Souza Calhe Pianista - Martinez - Carrasco nº 08, - Puerto - 16 - Piso 6 - CEP: 46026 Valência - Espanha E-mail: pr.adao-soares@hotmail.com Valmir Luna da Costa CL Luiz Santangel 10, Piso 2 Porta 3 ESC-B CEP 46005- Cx. Post 49006 Valencia - Espanha E-mail: pr-valmir@hotmail.com Pr. Eduardo Araújo Souto EPNARHOU Makariou 54 – Ellenico -16777 Atenas - Grecia E-mail: prmarcosfabiano@aol.com Pr. Valmir Farinelli e Pr. Luis C. Farinelli Vila Scala Greca 284-C Siracusa – Itália E-mail: valmirfa@libero.it E-mail: lcfarinelli@hotmail.com Pr. Ademir de Souza (Dimas) E-mail: ieadb@hotmail.com Pr. José Gomes de Abreu Gifu-Ken, Ogaki-Shi | Nagamatsu-Cho 847-63 | Nagamatsu - Danci - A-306 50309-97 – Japão E-mail: prjosegomes@hotmail.com Pr. Wilson Leal Kanagawa Ken-Zama Shi Hibarigaoka 3-52-36 | T-252-0003 | Japan Pr. Ícaro Lopes Shiga-Ken - Nagahama - Shi Kobori - Cho - 16 | Precede Park 3-2 Zip Cod. 526-0845 | Japan

Pr. George Nassib Ghattas Beirute - Líbano

Ev. Nelson Barbosa

Secretário Estadual da SEMAD

Pr. Clebson Rondon

Diretor Financeiro da SEMAD

Ev. Fernando Fernandes

Vice-Diretor Financeiro da SEMAD

Pr. Valdenor Assis de Oliveira Secretário Executivo da SEMAD

Ev. Oiris Mendes Viana Ilha de Bali - Timor Leste Pb. Vanderlei Florêncio da Silva Apartado Postal 256, Código Postal 2101 Maracay- Estado Araguai - Venezuela

Missões se faz com os pés dos que vão, com os joelhos dos que oram e com as mãos dos que doam.


Mensageiro da Última Hora Ed 111