Page 1

Imagem retirada da Internet

Ano III - Nº 45 - Dezembro de 2015

ANA

a d 1º de Dezembro Dia Mundial de Luta Contra a AÍDS Por Lídia Rodrigues, Coordenação da Campanha ANA

No dia 1º de dezembro celebra-se o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS. A data foi instituída por uma decisão da Assembleia da Organização Mundial de Saúde em outubro de 1987. No Brasil, a data foi adotada em 1988. O Ministério da Saúde estima que no Brasil, existem 530.000 pessoas vivendo com HIV, dessas, 25,4% não sabem que estão infectadas, e cerca de 30% chegam ao serviço de saúde tardiamente, ou seja, haviam desenvolvido a AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Humana, caracterizada pelo enfraquecimento do sistema de defesa do corpo e pelo aparecimento das doenças oportunistas). Em 2014, foi apontado que os casos de Aids entre jovens cresceram mais que 50% em 6 anos no Brasil, esse dado nos traz uma série de desafios. Entre esses desafios está a educação sexual de adolescentes. É fundamental que adolescentes tenham acesso a informações com base cientifica, de forma laica, sobre sua sexualidade e como garantir sua saúde sexual. Além da infor mação é imprescindível que haja acesso

ANA

da

irrestrito aos métodos de prevenção (preservativo masculino e feminino). Muitos adolescentes não utilizam os métodos por não estarem disponíveis de forma apropriada, sem exposição dos mesmos para a comunidade e adequado ao seu porte físico. Isso exige dos profissionais e das políticas uma compreensão menos tutelar da adolescência, compreendendo que os mesmos tem sexualidade e tem atos sexuais com outras pessoas. Outra questão é o estimulo a testagem para HIV, saber do contágio precocemente aumenta a expectativa de vida, pois possibilita que a pessoa tenha acesso ao tratamento antes que desenvolva AIDS, além de que ficar sabendo se é ou não portador do vírus possibilita a redução na transmissão do mesmo para outras pessoas. A infecção pelo HIV pode ser detectada com, pelo menos, 30 dias após a situação de risco. O Dia Mundial de Luta contra

a AIDS tem sido uma data importante para informar a população sobre a necessidade de prevenção da doença, do diagnóstico precoce e para lutar contra o preconceito e a discriminação provocada principalmente pela falta de conhecimento, mitos e medos. Fique sabendo e passe a diante! Procure um Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), eles estão em todo o país. Para buscar mais infor mações: http://www.aids.gov.br/aids

Expediente Coordenação Lídia Rodrigues Colaboração Wilson Guilherme Técnica em Comunicação Tatiana Araújo Assessores de Conteúdo Rosana França Rodrigo Correa

1


Giro

DE NOTÍCIAS

Conhecendo

a Rede

REDE NACIONAL DE ADOLESCENTES E JOVENS VIVENDO COM HIV/AIDS A Rede, nascida em 2001, visa o fortalecimento da participação juvenil na temática HIV/Aids. Tem se consolidado como uma articulação de esforços para mobilizar e apoiar adolescentes e jovens vivendo com HIV/AIDS, e para atuar em diferentes frentes enfrentando os impactos do HIV/Aids, contra o estigma e preconceito, e, incidir positivamente nas políticas públicas na área. Saiba mais sobre a história da rede http://zip.net/bksx7V E para entrar em contato direto: facebook.com/RNAJVHA/

Gente que ano hein! Muitas coisas né verdade? Esse ano, ficaremos por aqui, vamos aproveitar um pouco as férias e na 2° quinzena de Janeiro voltamos com novidades! Boas festa e um 2016 recheado de paz!

ANA

da

No dia 1º de Dezembro, quatro jovens que vivem e convivem com o HIV “tomaram conta” do Twitter do UNICEF Brasil (@unicefbrasil), das 9h às 21h, eles contaram suas histórias de vida e falaram sobre mitos e tabus, questões como preconceito e estigma e as suas lideranças em movimentos de adolescentes e jovens. Link: https://twitter.com/unicefbrasil

Fique por DENTRO O Dia Mundial de Luta Contra a AIDS é celebrado no dia 1º Dezembro, a campanha deste ano dará enfoque nos jovens gays de 15 a 24 anos das classes C, D e E. A ação busca discutir as questões r elacionadas à vulnerabilidade ao HIV/AIDS, na população prioritária, sob o ponto de vista do estigma e do preconceito. Link da matéria: h t t p : / / w w w. a i d s . g ov. b r / p a g i n a / d i a mundial-aids

2


Instagram da ANA Envie suas fotos para o Boletim da Campanha ANA Para enviar as fotos é simples. Basta marcar a Campanha ANA nas suas fotos com a frase #ANA_INSTAGRAM com uma pequena legenda que iremos publicar em nossas redes e no Boletim mensal da campanha. Para seguir o perfil da ANA Acesse: http://instagram.com/anamovimento

A; da AN s a g i 1. Am de curso o d o l do módu entes c s e l 2. 2° o e ad ação d t i c com a a p ca araíba P DCA ro da Fórum o segu s U : a ic temát et; Intern os . Vam o ã ç a onjug essa c n E . 3 nção! preve a n m també a

eman o da s ã ç a d 4. sau net. ns da e g a m i

ANA

da


a

Fica dica Livros

Filmes

EU ME CHAMO ANTÔNIO Crianças da América Jesus Children of America. Da série de filmes Crianças invisíveis, retrata a historia de Blanca (Hannah Hodson), de 13 anos, que é lançada dentro de um verdadeiro pesadelo devido ao fato de ser portadora do vírus HIV. Por conta disso, é discriminada na escola, chamada de "AIDS baby". Político como sempre, o diretor retrata o personagem do pai da menina como um veterano da Guerra do Golfo que se tornou viciado em heroína e, por isso, contraiu a doença.

Antônio é o personagem de um romance que está sendo escrito e vivido. Frequentador assíduo de bares, ele despeja comentários sobre a vida suas alegrias e tristezas - em desenhos e frases escritas em guardanapos, com grandes doses de irreverência e pitadas de poesia. Antônio é perito nas artes do amor, está sempre atento aos detalhes dos encontros e desencontros do coração. O livro é recheado de poemas visuais, feito por Pedro Gabriel.

Para assistir acesse: https://www.youtube.com/ watch?v=ktelhCiUVUM

Cazuza: O Tempo Não Pára. Instável e desafiador, mas também extremamente sedutor. O filme conta a historia de vida de um dos artista mais polemico de sua geração. Mas ele sempre quis viver cada vez mais intensamente, romper limites. O diagnóstico de que era portador do vírus HIV foi recebido pelo jovem artista com desespero, seguido da busca de novas formas de tratamento para uma doença que na época representava uma sentença de morte em curtíssimo prazo. Para assistir acesse: https://www.youtube.com/ watch?v=l-QdTXdNvww

ANA

da

Acompanhe e compartilhe a Campanha ANA em nossas redes sociais

ana.movimento@gmail.com

Realização

Apoio

Brasil

4

Boletim ana edição nº 45 dia mundial de luta contra aids  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you