__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

Giancarlo Terrassan - Jornal Strada

Nº 97 - Ano 9 - 30 Junho 2012 • Distribuição gratuita • Periodicidade: Mensal • ISSN 1647–7022

test-drive

www.jornalstrada.com


Nuno Almeida - Jornal Strada

Giancarlo Terrassan - Jornal Strada

TEST-DRIVE

NEW D | Giancarlo Terrassan giancarlo.terrassan@jornalstrada.com

o sucesso

Junho 2012


o continua

Junho 2012

TEST-DRIVE

DAILY


Junho 2012

Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE


Mais versátil que nunca Fiabilidade, eficiência e versatilidade são as características do DNA de um puro-sangue vencedor. A cada nova versão, o Daily impõe novos padrões que lhe proporcionam a liderança no importante mercado dos veículos industriais/comerciais ligeiros. Mantendo-se fiel às suas raízes, a sua construção continua a ser baseada num verdadeiro chassis e a tracção assegurada por motorizações inovadoras e transmitida pelo eixo traseiro — com estas características, tudo é possível. Quando um produto nasce bem… o futuro e a longevidade são assegurados!

3

Junho 2012

TEST-DRIVE

A evolução não pára Desde o seu primeiro dia, até hoje, o verdadeiro profissional da distribuição não parou de crescer e com quase 35 anos de idade, mais de 2.000.000 de exemplares vendidos e mais de 500.000 ainda em circulação, mudou novamente de fato, vestindo o do super-herói. Este novo fato não se limita a fornecer-lhe somente um novo look, mas sim, proporciona-lhe novos super-poderes, que poderão ser apreciados diariamente através da sua utilização.


Junho 2012

Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE


Um pé nos ligeiros, um pé nos pesados O chassis garante robustez e flexibilidade de equipamentos com variados tipos de carroçarias e permite um maior comprimento do veículo, uma capacidade volumétrica até 17 metros cúbicos (nos furgões), bem como uma maior capacidade de carga que pode chegar até 7 toneladas. O driveline de baixos custos de manutenção é assegurado por propulsores Diesel (com turbocompressores e injecção directa common-rail) económicos e de elevadas prestações, caixa de transmissão de 6 velocidades e tracção no eixo traseiro com rodado simples ou duplo.

O Daily V e o ambiente… uma óptima simbiose Nesta nova edição, Giorgetto Giugiaro voltou a remodelar e melhorar as linhas, tendo sempre em conta o impacto das formas com o meio ambiente. Não se trata somente de coeficientes de penetração no ar, mas também do aspecto e impacto do próprio veículo no ambiente onde ele opera. Um veículo verdadeiramente profissional Especialmente na Europa Central é hábito ver circular versões compridas de furgões com um atrelado de dois eixos acoplado. A sua versatilidade, robustez, fiabilidade e conforto fize-

ram do Daily o veículo por excelência no transporte ligeiro expresso de médio e longo curso. Há muitos anos que o Daily é considerado um dos melhores veículos de distribuição em âmbito citadino, graças à sua excelente manobrabilidade. Nos serviços municipalizados, nas empresas de construção e de jardinagem, bem como em serviços de apoio e assistência, o Daily desenvolve as suas tarefas com elevado profissionalismo. A grande variedade de chassis, distâncias entre eixos, motorizações, capacidade de cargas, tipo de cabinas, sistemas de tracção, sobre-estruturas e equipa-

3

Nesta Primavera, mudança de óleo e Įltro de óleo do seu Daily ou Stralis a um preço único.

50,00 €

óleo (mineral) e Įltro de óleo IVA não incluído

155,00 €

óleo (mineral) e Įltro de óleo

70,00 €

IVA não incluído

óleo (sintéƟco) e Įltro de óleo

160255

IVA não incluído

Os preços indicados incluem mão de obra, óleo e peças para a mudança de óleo (mineral ou sintéƟco) e a subsƟtuição do Įltro de óleo para os modelos Daily e Stralis. Promoção válida até 31 de Outubro de 2012 nos Pontos de Assistência da Rede OĮcial IVECO aderentes.

www.iveco.pt

230,00 €

óleo (sintéƟco) e Įltro de óleo IVA não incluído

TEST-DRIVE

3


Junho 2012

IVECO

TEST-DRIVE

IVECO


mentos, sistemas de suspensões, permitem que o Daily ultrapasse as 7.000 diferentes configurações. Graças a todos estes predicados, ao longo da sua existência, o Daily ganhou prestígio e a confiança dos que o adquiriram — quem usa este veículo, dificilmente muda para outro. Os furgões são representados por 8 variantes diferentes, que vão desde os 7 m3 até aos 17,2 m3 de volume, permitindo atingir um payload superior a 4 toneladas. No interior da caixa do Daily, na versão mais alta atinge um máximo de 2.100 mm na vertical, o que permite uma movimentação sem dificuldades na área de carga até para pessoas de grande estatura. As portas traseiras permitem ser abertas com uma amplitude de 270 graus, podendo ser enganchadas nas laterais da caixa de carga. O chassis do Daily alcançou a reputação de ser um dos melhores e flexíveis do mercado, permitindo adaptar-se a inúmeras soluções de carroçarias e missões, desde as 3,5 toneladas até às 7 toneladas de peso bruto. Nos chassis com cabina, existe a possibilidade de escolher entre uma versão normal para 2 passageiros mais motorista ou com cabina dupla que permite o acesso a 6 passageiros mais o motorista. A cabina dupla é

3

Junho 2012

TEST-DRIVE

3


extremamente interessante para empresas municipalizadas, de construção ou de jardinagem, as quais necessitam de deslocar mercadoria e aparelhagens de trabalho, juntamente a um maior número de funcionários no local da obra — o payload destas versões pode atingir as 4,7 toneladas. A tracção no eixo posterior, foi mantida devido à sua grande fiabilidade e o máximo de capacidade de tracção que ela oferece. Para permitir uma maior acessibilidade em zonas montanhosas e de pouca aderência, é ainda possível equipar o Daily com um bloqueio de diferencial, cujo comando está colocado no tablier e pode ser combinado com o sistema ESP. Para os casos ainda mais radicais, onde seja necessário deslocar o veículo, o pessoal e o

IVECO

Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3

Junho 2012


Um ambiente de trabalho exemplar O motorista bem como os passageiros, estão sempre em primeiro lugar e no Daily V continua a filosofia do veículo nascido para ser completamente adaptado para o homem e, o simples estar no seu interior, tem

IVECO

IVECO

3

Junho 2012

TEST-DRIVE

material em zonas de acesso verdadeiramente difícil, o New Daily é disponível numa versão 4x4, também ela com a possibilidade de ser equipada com uma cabina simples ou dupla. Este modelo é extremamente completo sendo equipado com 3 diferentes bloqueios de diferencial e uma transmissão de 6 velocidades acoplada a uma caixa de transferência com duas reduções, o que praticamente lhe permite obter 24 relações para a frente e 4 relações para atrás.


Junho 2012

IVECO

IVECO

Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE


que proporcionar um agradável prazer e bem-estar — todas as líneas do interior são perfeitamente coerentes com as do exterior. Todas as partes plásticas do tablier são construídas com um especial material soft-feeling, muito agradável ao toque. Para aqueles que fazem deste veículo o seu escritório móvel, o Daily dispõe, sob pedido, de um arrumo especial rebatível embutido nas costas do banco central, que, quando aberto, serve de prateleira e é amovível, podendo servir de base de apoio aplicada acima do volante. Este peculiar arrumo serve perfeitamente, também, para guardar protegido um computador portátil, tablet ou um iPad. Muitas outras arrumações, bastante grandes e bem dimensionadas, estão espalhadas por toda a cabina, asseguram a ordem dentro da mesma; as grandes bolsas laterais, nas portas, oferecem espaço para todos aqueles objectos de apoio quando o veículo está parado; de fá-

IVECO

3

Junho 2012

TEST-DRIVE

3


IVECO

TEST-DRIVE

3

IVECO

Nuno Almeida - Jornal Strada

cil alcance, inseridas nestas bolsas laterais, existem ainda duplos suportes específicos para a colocação de garrafas com capacidades de 0,5 até 1,5 litros; acima do pára-brisas, uma generosa prateleira fornece espaço para aqueles objectos de alcance rápido e para a colocação de aparelhagens específicas como rádio CB, tacógrafo, etc.; abaixo dos assentos dos passageiros, um contentor com 6 litros de volume, garante espaço suficiente para objectos de menor utilização e maior dimensão. A insonorização acústica foi melhorada. Durante os períodos em que o motor está trabalhando entre as 1.600 e as 2.000 rpm, o ruído foi reduzido em 5 dB(A). O conforto no interior da cabina foi novamente melhorado e oferece uma habitabilidade altamente satisfatória.

3

Junho 2012


158528


Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3 A posição de condução elevada e as grandes superfícies vidradas, proporcionam uma completa integração do motorista bem como dos passageiros com o meio ambiente. Os enormes e abrangentes espelhos, garantem ao motorista uma visibilidade perfeita de tudo aquilo que acontece no ambiente envolvente ao veículo, aumentando, deste modo, a segurança, mas sobretudo diminuindo o risco de acidentes. Para assegurar manobras mais perfeitas e ainda mais seguras, a IVECO disponibiliza para o Daily um sensor de marcha-atrás, sistema muito útil que garante uma substancial diminuição dos danos efectuados durante as manobras. Querendo proporcionar um maior conforto ao motorista, durante os tempos de trabalho e em viagem, foram implementadas uma série de modificações, visando uma condução mais agradável e segura. A coluna da direcção foi corrigida com uma nova ajustabilidade. O banco do condutor é agora dotado de mais ajustes nas posições horizontais e verticais (nas versões furgão), garantindo a quem conduz um conforto extraordinário — podemos dizer que se aproxima aos bancos pneumáticos dos pesados. Visando melhorar a leitura dos

3

Junho 2012


SIL2012 SI IL20 012 BARCELONA BARCELON NA

LLogLVWLFV3UR¿WDELOLW\ ooggLVWLFV3UR¿WDELLOOLW\

14th IInternational nternation nal Logistics Logisttics and Material M Han Handling dling Exh Exhibition ibition 10th Mediterranea Mediterranean an Logistics and a Transport Transport Forum From F rom 5tthh tto o 8tthh jjune une 2012 2012 Fira F ira de de Barcelona Barcelona Gran Gran Via Via Venue Venue Ve

156480

Barcelona-Spain B arcelona-Spain

www.silbcn.com www .silbcn.com


Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3 dados, o painel de instrumentos foi revisto e dotado de novos grafismos. Todos os instrumentos estão ergonomicamente colocados, facilitando o seu uso sem ter a necessidade de deslocar o corpo para os alcançar. O condutor é protegido pelo airbag de série, sendo possível instalar, opcionalmente, o airbag para o lado dos passageiros e duplos window bag, bem como cintos com pré-tensores. A ventilação e o controlo da temperatura no interior do habitáculo são importantíssimos, não só para o conforto, mas também para a segurança na condução e para a condução económica. O Daily V está equipado com ar condicionado e um sistema de ventilação muito potente. O controlo automático do ar condicionado pode ser instalado opcionalmente. O volante é muito confortável e não cansa durante longos períodos de condução. A excelente bracagem permite efectuar inversões de marcha em espaços verdadeiramente reduzidos com poucas manobras e com extrema facilidade. A caixa de velocidades de 6 relações, com comando no tablier é muito precisa e confortável, a sincronização é excelente. Nas motorizações de 2,3 litros Euro V, está disponível opcionalmente o sistema Start &Stop, o GSI (Gear Shift Indicator) e a caixa

Junho 2012

de velocidades de 6 relações, o que permite uma substancial diminuição de consumo de combustível e consequentemente redução de até 10% emissões de CO2. O Cruise Control, ferramenta imprescindível nas viagens de médio e longo curso, especialmente quando se utilizam vias rápidas e autoestradas, torna o Daily V perfeito para a sua função. O computador de bordo, por sua vez, faculta ao motorista todas as possíveis informações, para este conseguir atingir uma melhor optimização do veiculo e consequentemente diminuir os consumos. O Daily pode também ser equipado com o mais recente sistema telemático Blue&Me e Blue& Me Fleet. Um design único e aspectos externos O novo design frontal do Daily V, ainda mais cativante, torna este veículo inconfundível. A frente foi completamente redesenhada para permitir um maior fluxo de ar ao novo sistema de refrigeração do motor. As unidades ópticas, também remodeladas, foram equipadas com o mais moderno sistema DRL (Daytime Running Lights – luzes diurnas). Os faróis de nevoeiro foram também melhorados, permitindo, agora, funcionar como focos laterais que se acendem


Segurança activa e passiva Já disponível no Daily IV, o novo Daily V herda o ESP 9, o mais avançado sistema de controlo de estabilidade de veículos. O ESP 9 continua a manter a mesma eficácia do anterior sistema que incluía os sistemas: -ABS (AntiBlockierSystem - Antilock Braking System); -EBD (Elektronische Bremskraftverteilung - Electronic Brakeforce Distribution); -ASR (AntriebsSchlupfRegelung - Anti-Slip Regulation); -MSR (Motor-SchleppmomentRegelung - Engine Speed Management); -ESP (Elektronisches StabilitätsProgramm - Electronic Stability Program); -HBA (Hydraulischer BremsAssistent - Hydraulic Brake Assist); -Hill Holder (Hill Start Assist Berganfahrassistent); -LAC (Ladung Adaptiv Bremskontrolle - Load Adaptive braking Control); Ao anterior ESP 9 foram acrescentados mais 4 sistemas de segurança: -TSM (Anhänger Schwanken Milderung - Trailer Sway Miti-

3

Junho 2012

TEST-DRIVE

automaticamente durante as viragens até uma velocidade de 40 km/h, isto consente uma maior visibilidade em direcção ao caminho que o condutor quer seguir e maior segurança durante as manobras.


Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3 gation): esta função detecta o balançar do reboque e actua de imediato e os travões nas rodas, separadamente, para ajustar o controlo do veículo e simultaneamente reduzir a velocidade repondo o veículo na normalidade; -HRB (Hydraulisch HinterRad Bremsstärke - Hydraulic Rear Wheel Boost): em caso de travagem de emergência, esta outra função aumenta o poder de travagem nas rodas do eixo traseiro de modo a reduzir a distância de travagem e a estabilidade do veículo; -HFC (Hydraulisch Verblassungskontrolle - Hydraulic Brake Fade Control): este sistema intervém compensando automaticamente através do aumento do poder de travagem,

Junho 2012

quando detecta uma diminuição de força da mesma. -RMI & ROM (Roll Movement Intervention & Roll Over Mitigation): caso surja a necessidade de efectuar uma manobra de emergência e o veículo iniciar a entrar em descontrolo, este sistema intervém modulando no binário do motor e aumentando a força de travagem actuando nas rodas mais relevantes para conseguir a estabilização. Motores potentes e ambientalmente eficientes Com esta nova versão do Daily V, a IVECO proporciona a escolha de 3 diversos grupos de motorizações de baixo impacto ambiental, FPT Industrial Euro V e EEV:


TEST-DRIVE

-2,3 litros Diesel Euro V de 106 CV (78 kW) a 3.900 rpm com torque de 270 Nm a 1.500 rpm e turbo com waste-gate; -2,3 litros Diesel Euro V de 126 CV (93 kW) a 3.600 rpm com torque de 320 Nm a 1.800 rpm e turbo com waste-gate; -2,3 litros Diesel Euro V de 146 CV (107 kW) a 3.600 rpm com torque de 350 Nm a 1.500 rpm e turbo de geometria variรกvel; -3 litros Diesel Euro V de 146 CV (107 kW) a 3.500 rpm com torque de 350 Nm a 1.400 rpm e turbo com waste-gate; -3 litros Diesel Euro V de 170 CV (125 kW) a 3.500 rpm com torque de 400 Nm a 1.250 rpm e turbo de geometria variรกvel;

IVECO

3

Junho 2012


Junho 2012

Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE


-3 litros Diesel Euro V de 205 CV (150 kW) a 3.500 rpm com torque de 470 Nm a 1.400 rpm e two-stage turbo; -3 litros Diesel EEV de 146 CV (107 kW) a 3.500 rpm com torque de 350 Nm a 1.400 rpm e turbo de geometria variável; -3 litros Diesel EEV de 170 CV (125 kW) a 3.500 rpm com torque de 400 Nm a 1.250 rpm e two-stage turbo; -3 litros CNG EEV de 136 CV (100 kW) a 3.500 rpm com torque de 350 Nm a 1.500 rpm e turbo com waste-gate. Além destas motorizações, a IVECO oferece também o Daily na versão zero-emission com propulsor eléctrico. Todos estes motores são económicos e amigos do ambiente com um nível de emissões muito reduzido. No caso dos motores Diesel FPT Industrial, estão todos equipados com o novo sistema EGR e com o sistema DPF (Diesel Particulate Filter) filtro de partículas. Com o motor de 3 litros de 205 CV, a IVECO comercializa o veículo mais potente do seu segmento. As caixas de velocidades à disposição são de 5 e de 6 velocidades manuais e a Agile de 6 velocidades automatizada. Em função da missão, é ainda possível escolher a relação do eixo traseiro.

3

Junho 2012

TEST-DRIVE

3


Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3 O teste e a conclusão O “nosso” veículo era o novo IVECO Daily 35S21L V furgão. Motor: 4 cilindros com 16 válvulas 3.0 HDT de 2.998 cc e 205 CV (150 kW) de 3.000 a 3.500 rpm de potência, com um binário de 470 Nm entre as 1.400 e as 3.050 rpm. Injecção directa de alta pressão common-rail. Aspiração: sobrealimentada com two-stage turbo e intercooler. Emissões: Euro 5. O teste foi rápido, mas como de costume, gosto sempre de ficar uns tempos com o veículo para o poder apreciar mais minuciosamente em vários cenários e assim foi. Andámos durante quase uma semana. Do alto desta fantástica cabina, pudemos apreciar a linda paisagem portuguesa, mas infelizmente, não podíamos evitar de constatar a falta de segurança que há nas nossas estradas – desde o mau estado das vias, até à falta de civismo de muitos condutores que nelas circulam. Nos circuitos citadinos, em algu~ns casos (não muitos, felizmente), as vias estão de tal modo cheias de buracos e remendos, que poderíamos até dizer que estávamos a circular em buracos com asfalto. Por minha sorte estava a conduzir o Daily e, graças ao rodado grande, à boa suspensão e ao bom banco de condução, podia suportar melhor os solavancos, enquanto a

óptima e sensível direcção permitia-me reagir facilmente para evitar as “crateras” mais profundas. Ao contrário, as autoestradas são boas e o cruise-control tornou-se imprescindível, permitindo-me manter uma velocidade de cruzeiro mais adequada para conseguir efectuar consumos reduzidos. Volto a repetir que as vias a pagamento, são demasiado caras, não se admite que um veículo ligeiro tenha que pagar uma exorbitância como acontece no nosso país — o combustível é caríssimo e as portagens das autoestradas, bem como as portagens das SCUTS estão tornando insustentável a vida de quem ganha o seu pão no transporte. Como já fiz no passado, volto a defender a minha teoria (não sou o único) e comprovo, que não é necessário utilizar este tipo de veículo (comerciais ligeiros) com velocidades superiores aos 100 Km/h, como muitas vezes constatamos nas nossas autoestradas, onde alguns “experts”, ao volante de veículos comerciais, não se cansam de viajar com o pedal do gás calcado ao fundo (o combustível não custa nada, é a empresa que o paga). Mais uma vez, volto a repetir que era hora de instalar um tacógrafo nos comerciais ligeiros como também um limitador de velocidade, muitos acidentes com este tipo de veí-

3

Junho 2012


TEST-DRIVE Junho 2012


Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3 culos poderiam ser evitados. Claramente, testei viajar na A1, famosa pelos seus “sobe e desce”, a reboque dos camiões com o cruise-control a 80 Km/h, excepto nalguns momentos (raros) a 90 Km/h durante as ultrapassagens, o resultado foi bom, os consumos foram melhores de que com o Daily IV — em alguns troços, a 100 Km/h conseguia gastar menos de 9 litros. No total percorri pouco mais de 1.000 Km, bastante em autoestradas, zonas urbanas e zonas montanhosas e a minha média global foi de 8,1 litros/100 km — de notar que quando recebi o Daily V o computador de bordo marcava uma média de 9,4 litros/100 km — a formação na condução conta, é importantíssima! Mais uma vez, constatámos que o Daily é realmente muito económico nos consumos e o Daily V ainda mais. O acesso à cabina na utilização constante é muito facilitado, graças ao grande e amplo degrau que o Daily dispõe. Para quem tem que subir e descer constantemente, a vida é simplificada. O conforto volta a impressionar-me positivamente. Posso repetir que, para quem trabalha diariamente com o Daily, quando chega a casa, ainda tem vontade de ir dar um passeio com ele. A sua condução não cansa e é muito agradável. O banco

3

Junho 2012


TEST-DRIVE Junho 2012


Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE

3

Junho 2012

com suspensão de molas é realmente uma óptima opção para o motorista e é raro encontrar algo parecido num veículo desta gama. As manobras em circuito citadino foram fáceis e rápidas de efectuar, a excelente bracagem que o Daily tem, a posição da condução e os amplos espelhos ajudaram extraordinariamente estas tarefas, mesmo sem os sensores do sistema de detecção de distância na retaguarda instalados (é um opcional). O potente motor com um excelente binário em combinação com uma caixa bem relacionada, demostraram o quanto é ágil e flexível, não só no tecido urbano, mas também no extraurbano e em montanha. A zona de carga é muito bem dimensionada e preparada para qualquer tipo de apetrechamento, sem contar com os inúmeros pontos de ancoragem para as fixações das cargas. Também nesta área, onde normalmente ninguém se preocupa muito, a não ser a sua capacidade, a IVECO vê longe em todos os sentidos, nunca esquecendo a segurança e as exigências/necessidades do cliente. Defeitos, todos têm, mas no novo Daily são mesmo poucos e pequenos. Volto a repetir, o maior perigo é ficar apaixonado pelos seus cativantes predicados, garanto que são muitos. 0


160242


Junho 2012

Nuno Almeida - Jornal Strada

TEST-DRIVE


Junho 2012

TEST-DRIVE

«o maior perigo é ficar apaixonado pelos seus cativantes predicados»


Nº151009 82 - Ano 8 - 31 Março 2011 • Distribuição gratuita • Periodicidade: Mensal • ISSN 1647–7022

WINNER of the platinum seal of e-excellence 2011

e e g n m i a t o chhas arrived t e r u t h e fu t

www.jornalstrada.com

MAN Truck & Bus

www.jornalstrada.com

Profile for Ameise Editora

Strada Truck #097 SE NewDaily2012  

Strada Truck #097 SE NewDaily2012

Strada Truck #097 SE NewDaily2012  

Strada Truck #097 SE NewDaily2012

Profile for ameise
Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded