abolsamia 127 (jul/set 21)

Scroll for more

Page 30

PRODUTO

EM FOCO

Foi na Piedade, Conselho das Lajes, Ilha do Pico, nos Açores, que a Seppi entregou o seu primeiro triturador de pedra do arquipélago. O novo triturador da Seppi opera a duas velocidades, faz o esmagamento da rocha e prepara e estabiliza o solo, já que pode trabalhar até uma profundidade de 25 cm.

SEPPI NO PICO

O

Midisoil DT 225, equipamento de gama média, foi entregue a Paulo Vieira, da empresa agrícola e de prestação de serviços BasaltopradoAluguer de Máquinas Agricolas Unipessoal, Lda. Para assinalar o acontecimento, foi realizada uma demonstração que contou com a presença do Representante Comercial da Seppi em Portugal , Óscar Amaral, e do Responsável da Seppi para a Península Ibérica e Delegado Seppi, Jose Luis Brandariz. O Midisoil DT 225 pode ser encomendado para tratores com potências de 100 cv a 170 cv, e larguras de trabalho entre 175 cm e 250 cm. Possui um novo sistema de transmissão que

30

abolsamia

julho/setembro 2021

facilita ainda mais o trabalho e aumenta sua eficiência: fresa o solo em profundidade de até 25 cm, quebra pedras de até 25 cm de diâmetro e corta madeira de até 25 cm de diâmetro. A velocidade de trabalho pode ir até aos 2 km/h em função do material e tipo de solo, de forma que o trator deve ter super-lentas. A novidade, que distingue este triturador dos trituradores de pedra clássicos, é a transmissão de duas velocidades (conhecida como versão 2SPEED). É possível intervir na velocidade do rotor por meio de uma alavanca e passar de 1000 rpm (passo rápido para triturar madeira) para 540 rpm (passo lento para moer e triturar pedras), mantendo a tomada de força do trator a uma velocidade constante 1000 rpm. A Seppi disponibiliza um sistema de controlo ISOBUS para tratores compatíveis, o que permite que algumas funções da máquina sejam controladas diretamente a partir do computador de bordo do trator.

Paulo Vieira, proprietário da máquina, e Óscar Amaral, representante comercial da Seppi em Portugal. T. 963 593 032 | oscar.amaral@seppi.es

Um mês de trabalho UM MÊS DEPOIS DA ENTREGA, voltámos ao contacto com Paulo Vieira, gerente da Basalto Prado, para sabermos como avalia o comportamento da máquina. Num mês em que tem recebido inúmeras chamadas requisitando os serviços do triturador mas que coincidiu também com a sementeira de milho na Ilha do Pico, Paulo leva 2,5 hectares trabalhados e quase 30 horas de trabalho (a máquina trabalha a cerca de 10 horas por hectare). Por este motivo, ainda não lhe é possível apresentar indicadores como o custo por hectare, etc. Em relação às primeiras impressões, o proprietário mostra-se “estupefacto”. “Não esperava resultados tão bons. A forma como trabalha e a perfeição que apresenta. Não se nota nenhum desgaste, nem nos martelos. É lubrificar e voltar a andar”. Na Ilha do Pico, as solicitações para este tipo de serviço tem vindo sobretudo de hortas familiares, mas, de futuro, o grosso deverá ser representado por parcelas de milho e pastagens permanentes (pecuária). Para finalizar, quisemos saber quem será o trator parceiro do Midisoil DT 225 no futuro. A resposta é um Deutz-Fahr Agrotron TTV 6140.4 A Basalto Prado nasceu em 2015, para aluguer de máquinas e equipamentos agrícolas e, desde então, tem vindo a crescer mais do que o previsto por Paulo. “O facto de ser agricultor (tem uma engorda de bovinos), levou-me a ter as máquinas para a própria exploração, o que acabou por ser o início desta empresa”, finalizou.

www.abolsamia.pt