Page 1

MARÇO 2019 | Nº70 | 10 x ano | REVISTA DE DISTRIBUIÇÃO GRATUITA | NÃO PODE SER VENDIDA

DIRETORA: SÓNIA COSTA

AS LIÇÕES DO PROFJAM PATROCÍNIO:

PUB:

PUB:

PUB:

PUB:


04 MEGA NEWS 06 ENTREVISTA Mega Hits Fresh

índice

10 ESCOLAS 20 MÚSICA 28 ENTREVISTA 32 EXPERIÊNCIAS

O ADN da tua Escola #FFFFFF: As lições do ProfJam

20

Mishlawi apresenta Solitaire, o primeiro álbum

11 Lit3s: Todas as luzes apontam para ele Os melhores restaurantes para experimentares no Dia do Pai

44

36 ENTREVISTA 44 CULTURA

SUPA SQUAD: É tudo deles! A Magia dos Estúdios Aardman chegou ao Museu da Marioneta

32

48 DECOJOVEM 52 QUEBRA-CABEÇAS Net Viva e Segura

10

editorial Na música como no quatro em linha: dois é bom, três é incrível, quatro é combinação vencedora. Com este número em mente, a Mais Educativa deste mês falou com quatro promessas da música nacional. Mishlawi, ProfJam, Supa Squad e 11Lit3s. Eles expressam-se em diferentes géneros, mas têm valores em comum: a perseverança, o amor pela música, a vontade de fazer diferente. Para entender de onde vem toda a sua inspiração e quem são os artistas por detrás dos novos grandes singles e álbuns que têm chegado às pistas, a tua revista falou com cada um deles - e agora partilha tudo contigo. E sabem quem não falha, quando o assunto é divulgar a melhor música nova? O Mega Hits Fresh, que está sempre em cima do acontecimento! Na edição deste mês, boas notícias para quem cresceu a ver A Ovelha Choné e A Fuga das Galinhas: os Estúdios Aardman, responsáveis por estes filmes (e muitos outros!) têm uma exposição dedicada ao seu trabalho no Museu da Marioneta! Março, Marçagão, manhãs de inverno e tardes de verão. Mês de Carnaval, de Dia do Pai, de Dia da Mulher. Mês de festejar, de celebrar as vitórias e de preparar a Primavera em cheio que aí vem. Os nossos desejos? Que entres nele cheio de força - e com o melhor soundtrack! Boas leituras e que este novo mês traga - a ti, a nós, a todos - grandes motivos para festejar.

passatempo A Mais Educativa e o Fitness Hut querem que comeces a ficar preparado para o verão e oferecem-te um mês de treino gratuito! Consulta toda a informação no nosso site em www.maiseducativa.com/ artigos/passatempos-a-decorrer/ ou no nosso Instagram (@mais_educativa)!

҄DIBU©DOJDB

Proprietário/Editor: Young Direct Media, Lda

NIP C n º 510080723 E m pr esa jor n al i sti c a i n sc r i ta c om o n º : 223852 C api tal S oc i al : 22.500 eu r os D E TEN TOR E S D E 5% OU M A IS D O C A P ITA L D A E M P R ES A : M ar i a da G r aç a A l v es R om ão dos S an tos 33, 33% | D u ar te J osé A l v es F or tu n ato 33, 33% | P au l o J or ge Fo r t u n at o 33,33% ADMINISTRAÇÃO E DIREÇÃO GERAL DA EMPRESA Duarte Fortunato, duartefortunato@youngdirectmedia.pt; Graça Santos, gracasantos@youngdirectmedia.pt ; Paulo Fortunato, paulofortunato@youngdirectmedia.pt Sede de redação: Rua António França Borges, nº 4A loja Dta. 2625-187 Póvoa de Santa Iria Tlf: 21 155 47 91 Fax: 21 155 47 92 Email geral: geral@youngdirectmedia.pt

www.maiseducativa.com Revista de conteúdos educativos para os alunos do Ensino Secundário

REDAÇÃO DIRETOR EDITORIAL Sónia Costa, soniacosta@youngdirectmedia.pt; DEPARTAMENTO COMERCIAL DIRETOR COMERCIAL E DE PUBLICIDADE Duarte Fortunato, duartefortunato@youngdirectmedia.pt; ACCOUNT Gonçalo Pires, goncalopires@youngdirectmedia.pt; COLABORADORES EDITORIAIS MEGA HITS DESIGN Cristina Germano, imagem@youngdirectmedia.pt COMUNICAÇÃO Hugo Silva, comunicacao@youngdirectmedia.pt; ESTATUTO EDITORIAL Disponivel em https://www.maiseducativa.com/ficha-tecnica/ Tiragem: 15.000 exemplares Distribuição: Gratuita Periodicidade: 10 x ano Registo na ERC nº 126169 Depósito legal: 341259/12 TIPOGRAFIA E MORADA: Monterreina, Cabo da Gata, 1-3, Área Empresarial Andalucia, sector 2 28320 Pinto Madrid - Espanha BANCO DE IMAGENS :

Todas as imagens utilizadas nesta publicação, salvo as que estão creditadas, são retiradas do Adobe Stock,

Unsplash e Pixabay.

Sónia Costa, Diretora Editorial

ESTA PUBLICAÇÃO JÁ SE ENCONTRA ESCRITA AO ABRIGO DO NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO.


4

mega news ENTREVISTA: Sónia Costa FOTOS: Mega Hits

Mega Hits Fresh As melhores músicas novas

TODOS OS DIAS DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA, DAS 22 HORAS À MEIA-NOITE, A INÊS ANDRADE TRAZ-TE NOVIDADES… FRESQUINHAS! ESTÁS A VER AQUELAS MÚSICAS QUE OUVES NO CARRO E TENS LOGO DE PARTILHAR COM OS TEUS AMIGOS? OS MELHORES SONS ESTÃO SEMPRE, EM PRIMEIRA MÃO, NA MEGA HITS!

O MEGA HITS FRESH É O PROGRAMA DE RÁDIO COM MAIS MÚSICA NOVA! PORQUÊ? Falamos para um target que é muito exigente! Mais exigente do que qualquer um. Querem sempre novidades, não querem repetição. Não lhes apetece ligar a rádio e conhecer a música que está a tocar, querem ser surpreendidos constantemente - seja em termos musicais, de conteúdos… O PROGRAMA ACONTECE TODOS OS DIAS E COMEÇA PELAS 22 HORAS. HÁ ALGUM MOTIVO ESPECIAL PARA TEREM ESCOLHIDO ESTE HORÁRIO MAIS TARDIO? Sim! À noite, as pessoas estão mais recetivas a música. Fizemos alguns estudos e percebemos que este era o horário ideal para passar música nova (das 22 horas à meia noite). Alguns ouvintes estão em casa a estudar, outros estão cansados porque terminaram o dia muito tarde… Sentimos que havia essa lacuna no mercado e começámos a estar cada vez mais atentos às novidades que iam surgindo. E garantimos que aqui só há boas músicas, daquelas que tu ouves e pensas logo que queres mostrar aos teus amigos! COMO É FEITA A ESCOLHA DAS MÚSICAS QUE PASSAM NO PROGRAMA? Eu ando sempre de Shazam ligado, a descobrir novos sons. Também vamos aos tops internacionais, como o da Billboard, ver o que se ouve lá fora. Funcionamos quase como o Spotify, fazemos sugestões do que sabemos que vais gostar. Às vezes, o que queremos mesmo é ouvir música nova e não as nossas playlists de sempre… A rádio também tem esse papel - não no digital, mas no fm - de dar a conhecer as novidades. Eu mesma estou sempre a aprender e já sei muito sobre os artistas! É giro, descobrir essa parte. Onde vão buscar inspiração para os sons, que influências têm, que bandas ouvem…

março 2018

maiseducativa.com

Ouve a MEGA HITS em LISBOA 92.4 FM | PORTO 90.6 FM | COIMBRA 90.0 FM | SINTRA 88.0 FM | AVEIRO 96.5 FM | BRAGA 92.9 FM


mega news

QUAL É O SEGREDO PARA ANDAREM SEMPRE INFORMADOS ACERCA DAS TENDÊNCIAS DO MERCADO DA MÚSICA? Temos uma equipa sempre atenta. E temos tido muito feedback! As pessoas gostam, partilham, dizem-nos de que músicas mais gostaram. Existe muita interação nas redes sociais. Há alguns anos atrás, ainda não existia esta componente de proximidade. Estava a começar a ouvir-se falar do Facebook, mas só como um sítio na internet onde carregavas uns álbuns de fotografias - e pouco mais. Agora, o panorama mudou: as redes sociais são uma ferramenta para perceberes se estás a ir pelo caminho certo, uma forma de entender se o público está a gostar do nosso trabalho. É muito importante ter essa proximidade direta! Se um ouvinte nos mandar uma mensagem a dizer “Esta música fez parte de um momento importantíssimo da minha vida, pedi a minha namorada em casamento quando estava a ouvi-la!”, isso é muito gratificante. É aí que vou buscar motivação.

EM TERMOS DE ARTISTAS, PASSAM MAIS NOMES NACIONAIS OU INTERNACIONAIS? Um pouco de tudo. Estudamos as tendências e adaptamo-nos. No ano passado, foi muito à base do Hip Hop. Agora há muito reggaeton, muitas músicas brasileiras. Mas há constantes: quando aparece a voz do Sam Smith, é óbvio que vai ser um sucesso. Os hits do Calvin Harris, da Selena Gomez, da Ariana Grande, da Anitta (que vai estar no Meo Sudoeste, onde também marcamos presença)... Se a alguns deles lhes apetecer, hoje, lançar uma música nova, é claro que a vamos passar! QUAL A PARTE MAIS GRATIFICANTE DE DIVULGAR ESTAS NOVAS MÚSICAS NO MEGA HITS FRESH? A melhor parte de mostrares música nova, aquela que é mesmo a mais gira, é que depois vais para os eventos (e a Mega Hits está em todos e mais alguns, nos festivais, nas viagens de finalistas…) - e estás onde os ouvintes estão! Essa proximidade torna-se ainda mais eficaz. As pessoas vêm ter conosco e dizem “Adoro ouvir aquela música, a primeira vez que ouvi foi na Mega Hits!”. É esse o feedback mais giro! Sentimo-nos em cima do acontecimento. A nossa obrigação é, sem dúvida, mostrar as novidades!

MÚSICAS QUE ESTÃO MESMO FRESH Por Inês Andrade

1. Juice

Lizzo

2. Want you back

Grey

3. Uber driver 4. 7 rings

Mishlawi Ariana Grande

5. Project dreams

Marshmello

6. Porque

Murta

7. Do not disturb

Mahalia

8. Nights like this

Kehlani

9. Lost in the fire Gesaffelstein 10. Giant

Calvin Harris

MEGA HITS! MAIS DE 45 MINUTOS DE MÚSICA SEM PARAR! MAIS MÚSICA NOVA!

5 megahits.sapo.pt f MegaHits T megafmhits megahitstagram

PUB

ESTA PARTILHA DAS NOVIDADES É UMA FORMA DE ATRAIR OS MAIS JOVENS PARA A RÁDIO? Sim, definitivamente. É uma forma de puxar os mais novos. A rádio tem um papel fundamental e insubstituível, que é o de companhia. Quando eu estou a fazer rádio, é como se me sentasse

numa cadeira de um café e estivesse a falar para quatro novas amigas! O que eu escolher dizer tem de ser relevante para elas! Neste caso, ia mostrar-lhes musica nova. É preciso que exista um grande envolvimento da nossa parte. Se vamos abrir a boca para falar do que não interessa, mais valia passarmos só música, não é? Os momentos em que falamos têm de ser recheados de informação relevante. É assim que encaro a rádio. Para mim, mostrar novidades é mais fácil do que falar do previsível. O imprevisível é muito mais surpreendente!

5

International Language Campuses

Tem umas férias diferentes! Viagens no verão: praia, noite e muitos amigos. Tudo isto enquanto aprendes inglês e francês. A viagem da tua vida em: Malta: 3 semanas a partir de 1900€ San Diego: 3 semanas a partir de 2200€ Nice: 3 semanas a partir de 2100€ *Preços sem voo incluído EF Lisboa Rua da Escola Politécnica 38 - 2º piso, 1250-096 Lisboa Tel: 21 317 34 70

EF Porto Edifício Bom Sucesso Trade Center Praça do Bom Sucesso, 61 – 14º piso, 4150-146 Porto Tel: 22 145 03 70

Inscreve-te já! www.ef.com


6

entrevista

ENTREVISTA: Sónia Costa FOTOS: cedidas pelo entrevistado

MISHLAWI apresenta Solitaire, o álbum de estreia Este artista contraria a tendência: enquanto muitos saem de Portugal e rumam a outros países, em busca de maiores mercados musicais, ele veio… Chegou, viu e venceu! Do outrora miúdo com 15 anos que começava, de forma amadora, a produzir em casa, Mishlawi manteve a força de vontade, a persistência, o talento e o amor pela música. Apresenta, agora, o seu primeiro álbum: Solitaire é o resultado de anos de trabalho árduo - e o artista tem motivos para estar orgulhoso.

Moras em Portugal desde os dez anos. Ainda tens memórias da cidade onde nasceste? Claro. Na verdade, eu nasci em New Jersey mas só lá vivi alguns meses. Os meus pais mudaram-se para Phoenix, no Arizona. Phoenix é aquela que considero a minha cidade-natal, embora não tenha lá nascido. Fiquei lá até ter oito anos. Tenho muitas memórias. Costumava voltar lá algumas vezes para visitar, agora já não vou tanto. Mas é uma ótima cidade para crescer: está sempre calor no Arizona. Estamos no deserto, faz sol e não há mau tempo. Foi muito bom, crescer lá. Tenho memórias de infância fantásticas. Rimas e cantas em inglês, mas estás confortável com o nosso idioma. O que te inspira em Portugal? Adoro Portugal, a sua cultura e a sua música. Viver aqui é }[PTV<THKHZYHaLZWLSHZX\HPZWYLÄYVLZ[HYHX\PKVX\L morar onde estava antes é o estilo de vida. Os dias são mais tranquilos, mais relaxados. As pessoas são simpáticas, calorosas. O meu quotidiano aqui é feliz, mais fácil. Viver em Portugal faz-me querer aproveitar o meu tempo e fazer mais música. Também é bom viajar, conhecer, passar tempo lá fora. Claro que sim, gosto disso. Mas, para morar, Portugal é o melhor país. março 2019

maiseducativa.com


8

entrevista

Onde e quando começou o teu gosto pela música? A música foi sempre parte da minha vida, de imensas formas. Tocava vários instrumentos - bateria, guitarra, baixo… O meu pai também LZ[H]HU\THIHUKH5HKHKLWYVÄZZPVUHS\THKHX\LSHZIHUKHZKL ¸WHPZKH]PaPUOHUsH¹9PZVZ,YHIVT[LYPZZVnTPUOH]VS[HLZLTWYL M\PPUÅ\LUJPHKVWLSHTPUOHMHTxSPHLHTPNVZ No entanto, só comecei a escrever as minhas músicas (a cantar e a JYPHYVZTL\ZWY}WYPVZZVUZX\HUKVLZ[H]HLT7VY[\NHS+L]PH[LY \UZHUVZULZZHHS[\YH Olhando para trás, para esse rapaz de quinze anos que se iniciava na música… Reconheces evolução no teu trabalho, até agora? +LÄUP[P]HTLU[L7HYHMHSHYH]LYKHKLVTL\WYPTLPYVZVTKLP_H me um pouco envergonhado (Risos). Mas é ótimo, faz parte. É uma ILUsqV]LYX\LHL]VS\sqVL_PZ[LLX\LHWYLUKPT\P[VJVTHZ WLZZVHZX\LLZ[qVnTPUOH]VS[HLJVTHZTPUOHZPUÅ\vUJPHZ i\TIVTL_LYJxJPVYLJVYKHYVUKLLZ[H]HX\HUKV[PUOHHUVZL entender onde estou com 22. Tem sido uma boa viagem! Qual é a tua visão do panorama musical em Portugal? Os artistas cooperam, dão-se bem, ou há muita competição? 7VY[\NHSt\TWHxZIHZ[HU[LWLX\LUVWVYPZZVVTLYJHKV[HTItT UqVtNPNHU[L,PZZV[VYUHHJVTWL[PsqVHPUKHTHPZKPMxJPS(JYLKP[V T\P[VX\LOmPTLUZV[HSLU[VULZ[LWHxZ (ZWLZZVHZ[YHIHSOHTT\P[VQ\U[HZ;HS]LaUqV[HU[VX\HU[VUVZ ,Z[HKVZ<UPKVZTHZWYV]H]LSTLU[LPZZVtT\P[VYLSH[P]VWVYX\LOm T\P[VTHPZHY[PZ[HZSm.VZ[VT\P[VKHJ\S[\YHKVZYLTP_KVMHJ[VKL VZWYVK\[VYLZX\LMHaLTVZILH[Z[LYLTVZL\WY}WYPVmSI\T (ZWLZZVHZHX\PKqVZLILTVWHUVYHTHKVOPWOVWULZ[LTVTLU[V tT\P[VIVTLOmT\P[VZHY[PZ[HZ[HSLU[VZVZ:V\MqKVSlow J, dos Wet Bed Gang, do Holly Hood.

“Acredito na constante melhoria, mas também tenho a calma necessária para apreciar cada passo do caminho.” Quanto aos grandes palcos que agora te aguardam, estás nervoso para os subir? 5qVLZ[V\ULY]VZV,Z[V\HUZPVZV+\YHU[LLZ[HZZLTHUHZX\L HU[LJLKLT]V\HUKHYHZZPT[VKVJVU[LU[L+VPZV\[YvZKPHZHU[LZ KVLZWL[mJ\SVHxJVTLsVHWLUZHY“Ok, isto vai mesmo acontecer”. É HxX\LÄJVULY]VZV (NVYHHPUKHTLLZ[V\HWYLWHYHYWHYHX\L[\KVJVYYHILTLZ[V\ MVJHKVUPZZV,Z[V\HNVaHYKLZ[HHUZPLKHKLX\LHNVYHZPU[VLZ[LZ concertos são um enorme marco para mim! Solitaire é o primeiro álbum. Qual é a sensação de o ver cá fora? ;LUOV]PUKVH[YHIHSOHYK\YHU[LT\P[V[LTWVWHYHJVUZLN\PY[LYV TL\WYPTLPYVWYVQL[V(YHaqVWLSHX\HSLZ[LHPUKHUqV[PUOHJOLNHKV era por não me sentir preparado. 8\LYPH\TWYVQL[VX\LÄaLZZLZLU[PKVKVPUxJPVHVÄTX\L[P]LZZL WtZLJHILsH7YL[LUKPHH[PUNPY\TZVTLZWLJxÄJVX\LHZWLZZVHZ ouvissem e pensassem “Ah, é a isto que soa o Mishlawi!” Era disto X\LLZ[H]HnLZWLYH ;0UOH[HU[HZT‚ZPJHZHUKH]HH[LU[HY]mYPHZJVPZHZKPMLYLU[LZ (NVYHZPTZPU[VX\LMHaZLU[PKV;HTItTKL]PKVHVZ[LTHZWVYX\L HX\PMHSVTHPZKHTPUOH]PKH:qVT‚ZPJHZTHPZWLZZVHPZX\L [YHUZWHYLJLTHX\PSVX\LL\WLUZVHX\PSVX\LL\ZPU[V6I]PHTLU[L X\L[LUOVT‚ZPJHZKLHTVYLT‚ZPJHZTHPZKP]LY[PKHZTHZ[HTItT HIVYKVHSN\UZ[LTHZZtYPVZLJVUZPKLYVPZZVPTWVY[HU[L Do estúdio aos grandes palcos, foi uma estrada acidentada ou uma auto-estrada sem percalços? 5qVWVZZVKPaLYX\LW\KLHWHUOHYHH\[VLZ[YHKHTHZHJVU[LJL\ THPZYmWPKVLKLMVYTHTHPZ¸Z\H]L¹KVX\LLZ[H]HnLZWLYH0ZZV março 2019

maiseducativa.com

MVPT\P[VIVTLZ}MVPWVZZx]LSNYHsHZnLX\PWHX\L[P]LJVTPNVnZ WLZZVHZX\LZLTWYLTLHJVTWHUOHYHTLHQ\KHYHT6TL\WYVK\[VY VTL\THUHNLYHTPUOHLX\PWHKLIVVRPUN;VKVZLSLZMHaLT\T [YHIHSOVPUJYx]LSVX\LHJLSLYV\VWYVJLZZV (ÄUHSKLJVU[HZtT\P[VPTWVY[HU[L[YHIHSOHYHYK\HTLU[LLT[VKVZ VZHZWL[VZ!X\LYUHT‚ZPJHJVTVUHLZ[YH[tNPHJVYYL[H/mX\L MHaLYVZZVUZJLY[VZLSHUsmSVZUVZTVTLU[VZJVYYL[VZ(PUKHOm \TSVUNVJHTPUOVHWLYJVYYLYH[tVUKLX\LYVLZ[HY,Z[V\H[LU[HY KLZMY\[HYKVS\NHYKLVUKLLZ[V\THZHPUKH[LTVZT\P[V[YHIHSOV Sentes, então, que há sempre algo em que podes melhorar? *SHYVX\LZPT5qVLUJVU[YV\TWVU[VUVTL\WYVJLZZVJYPH[P]V WHYHVX\HSJVUZPNHHWVU[HYLKPaLY¸6RWYLJPZVTLZTVKLTLSOVYHY nisto”. A forma como me expresso vai estar sempre em constante mudança. 5VPUxJPV[PUOH\THMVYTHKLTLL_WYPTPYHNVYHQmtKPMLYLU[L 6I]PHTLU[LX\LHMVYTHJVTVHTPUOHT‚ZPJHZVH[HTItTT\KV\ KL]PKVnZHS[LYHsLZUHX\HSPKHKLX\LHNVYHtZ\WLYPVY (X\HSPKHKLKVZTL\ZZVUZt\TMH[VYUVX\HSX\LYVZLTWYL [YHIHSOHY4LSOVYHYHZTPUOHZSL[YHZHZTPUOHZJHWHJPKHKLZLUX\HU[V JHU[VYVZTL\ZZRPSSZKLYHWHWYVK\sqVnTPUOH]VS[H Quanto às minhas performances ao vivo, também gostava de tornarTL\THTLSOVYHY[PZ[HLTWHSJV4HZPZZVYLX\LYL_WLYPvUJPHL]HP SL]HY[LTWVJSHYV ,\HJYLKP[VUHJVUZ[HU[LTLSOVYPHTHZ[HTItT[LUOVHJHSTHWHYH HWYLJPHYJHKHWHZZVKVJHTPUOV,HWYLJPVT\P[VLZ[LmSI\T Onde sentes que te encaixas na cena musical em Portugal? 7LZZVHSTLU[LZPU[VTLTHPZWY}_PTVKHJLUHKVOPWOVWTHZ [HS]LaTLPUZWPYLTHPZUVY I0Z[VWVYX\LNVZ[VT\P[VKLJHU[HYL KLT‚ZPJHZTLSVKPVZHZ8\HU[VHHY[PZ[HZX\LV\sVZV\KLMHZLZ! agora tenho ouvido muito Lil Baby, Richie Rich. Também gosto dos “grandes nomes” como The Weeknd. Young Thug, Future¯:qV X\LTTHPZV\sVHNVYHTHZKLWLUKLKVX\LLZ[V\HZLU[PYUHHS[\YH Se pudesses chamar qualquer artista do mundo para fazer uma colaboração contigo, quem escolhias? 1*VSLi\TKVZTL\ZT‚ZPJVZMH]VYP[VZ*YLZJPHV\]PSVLHKVYH]H MHaLYHSNVJVTLSL Sobre o futuro, o que podes revelar? 8\LYV[YHIHSOHYTHPZJVTHY[PZ[HZPU[LYUHJPVUHPZ;LUOVVNasty C ULZ[LmSI\TX\Lt\TNYHUKLHY[PZ[HKHÍMYPJHKV:\S,SLtT\P[V JVUOLJPKVSm8\LYVJVSHIVYHYJVTV\[YVZHY[PZ[HZWHY[PJPWHYUHJLUH PU[LYUHJPVUHSLZ[HYWYLZLU[LUVZ,Z[HKVZ<UPKVZLUV9LPUV<UPKV 8\LYVMHaLY\TH[V\YL\YVWLPHL]PZP[HYTHPZWHxZLZ


PUBLICIDADE 05/2017


10

escolas

TEXTO: Sónia Costa FOTOS: Cedidas pelos entrevistados

Unsplash

O ADN DA TUA ESCOLA O QUE TORNA UMA ESCOLA DIFERENTE? SERÃO AS INSTALAÇÕES? OS PROFESSORES? OS PROJETOS? A METODOLOGIA ADOTADA NAS AULAS? OS ALUNOS? A MAIS EDUCATIVA SABE QUE É UM POUCO DE TUDO ISTO - E AINDA MAIS ALGUM FATOR X. No ADN desta edição, falamos com o Diretor da Escola Secundária de Carcavelos e com o Diretor da Escola Secundária de Paços de Ferreira.

ESCOLA SECUNDÁRIA DE

CARCAVELOS

EM TERMOS DE PROJETOS E DE OFERTA CURRICULAR, QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS APOSTAS DA ESCOLA SECUNDÁRIA DE CARCAVELOS PARA ESTE ANO LETIVO? As apostas, este ano letivo, são na aprendizagem e prática da utilização das tecnologias e recursos digitais. Após a introdução do telemóvel como instrumento de trabalho na sala de aula, e face aos excelentes resultados de tal medida por permitir aceder aos recursos infinitos da web a cada momento, analisou-se a necessidade ou não da adoção de um só manual. Após um ano de experiência, nos anos iniciais de ciclo (2º, 3º e secundário), de não adoção de manuais, substituindo-se os mesmos pelo recurso a documentos digitais, quer através de tablet quer de computador, este ano letivo optou-se pela utilização das tecnologias referidas para aceder a recursos e plataformas existentes (“Escola Virtual” e “Aula Digital”). Na sequência da introdução deste novo março 2019

maiseducativa.com

paradigma, a avaliação dos alunos e das suas aprendizagens tem também um novo e determinante elemento - o “portefólio”. O objetivo fundamental concretiza a ideia de que a construção e registo do que é significativo para cada aluno, ao mesmo tempo que demonstra e ajuda ao consolidar das aprendizagens realizadas. QUAIS TÊM SIDO AS ATIVIDADE EXTRACURRICULARES COM MAIS ADESÃO POR PARTE DOS ALUNOS? Todas as atividades desportivas náuticas, no geral. De facto, a escola tem vindo a apostar na consolidação do que é o Centro de Formação de Vela, no âmbito do Desporto Escolar, envolvendo várias parcerias, destacando-se a Câmara Municipal de Cascais e o Clube Naval de Cascais. Esta atividade tem vindo a reforçar, ano após

Dr. Adelino Jorge Tavares Calado Diretor ano, o interesse dos alunos pelo mar e o alargar a outras modalidades - Canoagem e Vela Adaptada -, sendo que neste momento atingimos a total capacidade de resposta. QUAIS CONSIDERA SEREM OS DESAFIOS PARA TER UMA BOA ESCOLA NO SÉCULO XXI? Ser uma escola de que todos os alunos gostem, que oriente as aprendizagens sem as condicionar e que respeite o ritmo e as diferenças individuais. Ser uma escola que dê prioridade ao afeto e às relações humanas. O QUE SE ESPERA DE UM ALUNO QUE ESTUDE NA ESCOLA SECUNDÁRIA DE CARCAVELOS? Espera-se que seja um adulto consciente, feliz e de sucesso em tudo o que fizer. Fundamentalmente esperamos que os alunos saibam raciocinar, interpretar, justificar, explicar, elaborar, desenvolver o próprio pensamento crítico, pois se assim for a determinação no atingir dos seus objetivos estará garantida


L3 Airline Academy

Airline Pilot. We make it happen.

A L3 Airline Academy é uma fornecedora global de treino para pilotos, com ligações a companhias aéreas em todo o mundo. As oportunidades de carreira para os nossos alunos são maiores que nunca.

Descobre mais

L3CommercialAviation.com info@GAirG.com + 351 242 240 110

/L3AirlineAcademy

@L3_Academy

/L3_Academy

Locais de treino:

Portugal Ponte de Sor Cascais Reino Unido Noruega Emirados Árabes Unidos Nova Zelândia Estados Unidos da América


12

escolas

ESCOLA SECUNDÁRIA DE

PAÇOS DE FERREIRA NO QUE DIZ RESPEITO À OFERTA CURRICULAR, QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS APOSTAS DA ESCOLA SECUNDÁRIA DE PAÇOS DE FERREIRA? Tendo em atenção o Sistema de Antecipação de Necessidades de Qualificação (SANQ), as indicações da ANQEP, o Estudo de Aprofundamento Regional do Tâmega e Sousa que contempla uma análise sobre as dinâmicas territoriais a nível empresarial, educativo e formativo, a Rede de Qualificação Concelhia, a Escola Secundária de Paços de Ferreira oferece a seguinte oferta Educativa/Formativa: - Terceira Ciclo do Ensino Básico; - Cursos Científico-Humanísticos: Ciências e Tecnologias; Artes Visuais, Ciências Sócioeconómicas Línguas e Humanidades. - Ensino Profissional: Curso Profissional Técnico Auxiliar de Saúde; Técnico Comercial; Técnico de Gestão Programação e Sistemas Informáticos; Técnico de Receção; Técnico Administrativo; Técnico de Comunicação e Serviço Digital. - Ensino Recorrente Em Regime Não Presencial. Sendo a Escola Secundária de Paços de Ferreira, a Escola Associada nos Estabelecimentos Prisionais de Paços de Ferreira e Vale do Sousa, oferecemos aí: - Cursos Escolares de Educação e Formação de Adultos (EFA), no 1.º, 2.º e 3.º ciclo do Ensino Básico; - Ensino Secundário Recorrente por Módulos Capitalizáveis (Curso Científico-Humanístico de Ciências Sócioeconómicas). - Ensino Profissional em parceria com o Centro Protocolar de Justiça: Cursos profissionais de Jardinagem, Pintura, Marcenaria, Canalização, Mesa/Bar, Pastelaria e Mecatrónica.

Assim, a Escola Secundária de Paços de Ferreira desempenha um papel relevante no Concelho na escolarização, qualificação e (re)integração de toda a população, sem exeção. EM TERMOS DE PROJETOS E ATIVIDADES EXTRACURRICULARES, O QUE TÊM DISPONÍVEL PARA OS VOSSOS ALUNOS DURANTE ESTE ANO LETIVO? Disponibilizamos vários projetos e atividades extracurriculares que constam do nosso Plano Anual de Atividades. Permito-me relevar os seguintes projetos e atividades: - Grupo de Teatro Máscaras: representações ao longo do ano letivo, dentro e fora de portas: Leandro, Rei da Helíria; Auto da Barca do Inferno; Camões – o homem e o poeta”; Farsa de Inês Pereira; Os Maias; “Pessoa Somos Todos”; O Ano da Morte de Ricardo Reis... - "O Nosso Livro" - publicação de um livro com textos e ilustrações dos nossos alunos. - Apaixon'Art – Halloween; Carnaval; Estátuas ao vivo… - Desporto Escolar - 6 modalidades: natação, badminton, futsal, ténis de mesa, voleibol e boccia. - Clubes: Europeu; Ser Cidadão; Voluntariado. - Projetos: Educar para a Saúde; Etwinning; EDP Escola Solidária, Parlamento dos Jovens… Isto para não falar nas visitas de estudo, comemorações, palestras, workshop, exposições, Semana Aberta, Biblioteca Escolar… QUAIS CONSIDERA SEREM OS DESAFIOS PARA CONSEGUIR TER UMA BOA ESCOLA NO SÉCULO XXI? São vários. Mudar a Escola significa alterar alguns de seus parâmetros de funcionamento: o currículo (o que aprender? Como aprender?), a pedagogia na sala de aula (fazer diferente?

passatempo março 2019

maiseducativa.com

Dr. José Valentim Teixeira de Sousa Diretor maior qualidade das aprendizagen, envolver os alunos no seu processo de aprendizagem, construir, quiçá, o seu próprio currículo?), as formas de avaliação (o que avaliar? avaliar de forma diferente?), as tecnologias no papel da educação (inovar? tornar a Escola mais apetecível), a relação com os Pais/Encarregados de Educação. E, acima de tudo, como lidar com todos estes desafios! QUE COMPETÊNCIAS SE ESPERAM NUM ALUNO QUE ESTUDE NA ESCOLA SECUNDÁRIA DE PAÇOS DE FERREIRA? Aquelas que estão plasmadas no Perfil dos Alunos à saída da Escolaridade Obrigatória, isto é, as 10 Competências mais transversais, em diferentes áreas do saber: relacionamento interpessoal; linguagens e textos; informação e comunicação; raciocínio e resolução de problemas; pensamento crítico e pensamento criativo; desenvolvimento pessoal e autonomia; bem-estar e saúde; sensibilidade estética e artística; saber técnico e tecnologias; consciência e domínio do corpo. Que sejam críticos e criativos, resilientes, perseverantes, autónomos e responsáveis, pensantes e desafiadores! Que sejam bons!

Ler mais é um dos teus grandes objetivos? A Mais Educativa e o PNL querem ajudar-te a cumprir essa meta e têm alguns livros para te oferecer! Queres saber como ganhar? Tens de ficar atento… Consulta toda a informação no nosso site em www.maiseducativa.com/artigos/passatempos-a-decorrer/ ou no nosso Instagram (@mais_educativa)!


14 publireportagem

Na Semana da Leitura 2019, entre 11 e 15 de março, o Plano Nacional de Leitura (PNL2027) desafia-te a ler, a escrever, a fotografar, a criar banda desenhada, capas de livros, podcasts,… Sob o lema Hoje Leitor, Amanhã Leitor, oferecemos-te muitas sugestões de atividades, para pores em prática sozinho ou em grupo, na escola ou fora dela, e que podes partilhar connosco e que podes partilhar connosco em pnl2027.gov.pt

março 2019

maiseducativa.com


publireportagem

1

2

3

4

5

6

Vinheta da Treta

Faz uma vinheta de banda desenhada sobre leitura ou transforma um momento de um livro numa vinheta de BD.

Mas que filme!

15

EU, O AUTOR

PALAVRAS AUDÍVEIS

Transforma-te em argumentista e adapta ao cinema um excerto de um livro.

Letras com Alma

Partilha letras de canções que tenham um significado especial para ti.

CAPA ALTERNATIVA

Fim Alternativo

Escreve um final alternativo para um livro que leste.

Canção Livreira

Cria uma letra original para uma canção, inspirada num livro.

MORAL DA HISTÓRIA

Que série!

Adapta um conto de que tenhas gostado a uma série de televisão.

AMIGO IMAGINÁRIO

Não te esqueças de partilhar os resultados nas redes sociais usando

#hojeleitoramanhãleitor

Não te esqueças de partilhar os resultados nas redes sociais usando

##hojeleitoramanhãleitor

Não te esqueças de partilhar os resultados nas redes sociais usando

#hojeleitoramanhãleitor

Se tens mais de 13 anos, convidamos-te a participar no concurso de fotografia #estoualer, no Instagram @pnl2027, que tem como prémio uma Action Cam. Fotografa alguém a ler um amigo, um desconhecido, tu próprio…

#estoualer

> A fotografia não deve mostrar rostos nem marcas. > Envia a tua fotografia (1200px X 1200px) para o Instagram @pnl2027. > Validaremos e divulgaremos a tua fotografia. > Em cada dia da Semana da Leitura, a fotografia com mais “Gostos” será apurada para a finalíssima. > No dia 18 de março, anunciaremos, de entre as 5 fotografias finalistas, a vencedora deste concurso. > O autor da fotografia vencedora deverá enviar para o Instagram @pnl2027 uma mensagem privada com o seu contacto para a entrega do prémio. > Partilha esta iniciativa nas tuas redes sociais!

Agarra estes desafios e põe-te a ler! março 2019

maiseducativa.com


16 publireportagem

E se descobrisses que podes fazer parte da mudança que queres para a tua região

e para o mundo?

Prestes a completar o 4º ano de funcionamento, o ISCE Douro é uma instituição recente - mas cheia de energia e já com muitas provas dadas que surge em Penafiel, na região do Tâmega e Sousa, para responder às tuas necessidades de qualificação e possibilitar-te as competências necessárias para te tornares um profissional de excelência com impacto em qualquer parte do mundo. Se conheceres o mundo de oportunidades que há no ISCE Douro, descobrirás que não precisas de sair do Tâmega e Sousa para mudar o mundo. Afinal de contas, o teu futuro está mesmo ao lado de tua casa!

março 2019

maiseducativa.com

ISCE DOURO: MUITO IN

O ISCE Douro é uma instituição feita a pensar em ti - que prepara, diariamente, profissionais qualificados para que possam ter impacto na vida das pessoas (na sua região ou em qualquer outro lugar do mundo). Localizado em Penafiel e apenas a cerca de 30 minutos do Porto, encontras muitas vantagens na localização do ISCE Douro: não é necessário passar horas no trânsito ou acordar muito mais cedo para chegar a tempo às aulas. Podes, ainda, beneficiar do modelo B-learning e da plataforma Blackboard, que te possibilita ter algumas aulas à distância e, dessa forma, gerir o teu tempo da melhor maneira. O ISCE Douro promete ser uma instituição na qual te sentirás considerado e apoiado, encarado como “mais do que um número” e reconhecido pelos colegas, funcionários e professores.

UM ADN QUE INSPIRA

O ISCE Douro é uma instituição destinada a pessoas que se preocupam com fazer a diferença no mundo. Colocando à disposição 5 grandes áreas de estudo Artes, Desporto, Educação, Multimédia e Turismo - nos estudantes e docentes dos

diversos cursos (Cursos Técnicos Superiores Profissionais, Licenciaturas e Mestrados) vais encontrar um ADN comum a toda a Instituição: a vontade inabalável de fazer a diferença. ADN esse que se faz sentir no Norte do país, desde 1990: afinal de contas, esta instituição já passou por Mangualde e esteve - durante mais de 20 anos - em Felgueiras.

QUERES ESTUDAR NO ISCE DOURO, MAS PARECE-TE MUITO DIFÍCIL CONSEGUIRES PAGAR UMA PRIVADA?

O ISCE Douro ajuda-te na obtenção das bolsas sociais de apoio à frequência do Ensino Superior e promete-te todo o apoio necessário. Se o preço das propinas é algo que não podes ignorar, o ISCE Douro tem essa questão em consideração: trata-se de uma das Instituições de Ensino Superior com propinas mais competitivas. Sem esquecer as bolsas de mérito que atribui, todos os anos, aos melhores alunos! Se achas que o teu lugar é no ISCE Douro e queres conhecer melhor esta instituição, ela está de portas abertas para te receber! Sabe como em www.iscedouro.pt


18 publireportagem

E MARÇO

ATÉ 29 D CONCORRE Estás no 9º ano? Gostas de fazer vídeos e de os partilhar? Então, entra neste desafio e participa no concurso “Há mais mundo com o ensino profissional: profissões da primeira circum-navegação”. Aquilo que te propomos é que produzas um filme e que partas, à semelhança do que fizeram há 500 anos Fernão de Magalhães e os seus marinheiros, numa viagem, desta vez à descoberta do ensino profissional. Caso ainda não conheças bem estes cursos, informate junto de quem te possa ajudar: o teu diretor de turma, o profissional de orientação da tua escola ou até um colega mais velho que já tenha concluído um curso profissional. Poderás também fazer algumas pesquisas na Internet e, neste caso, sugerimos-te o site www.anqep.gov.pt. O importante é que recolhas informações relevantes sobre as características, a diversidade e as suas maisvalias destes cursos e que consigas transpor todos esses elementos para um vídeo criativo e apelativo com a duração máxima de 4 minutos. Além disso, o vídeo terá ainda de integrar um slogan, da tua autoria, que inclua os termos “ensino profissional”, “viagem” e “mundo”. E,

março 2019

maiseducativa.com

não te esqueças, tens até ao dia 29 de março para formalizares a tua candidatura! Concluído este prazo, seguir-se-á a avaliação dos trabalhos a concurso por parte de um júri, que irá decidir os 10 vídeos que irão avançar para a fase seguinte. Estes 10 vídeos serão, posteriormente, submetidos a votação no Facebook da Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (www.facebook.com/ANQEP). Os três vídeos com mais “likes” serão os grandes vencedores deste concurso! Todos os detalhes sobre este concurso, nomeadamente o regulamento e as restantes condições de participação, encontram-se disponíveis no site da ANQEP. Poderás também enviar um e-mail com as tuas questões para redessociais@anqep.gov.pt. Boa sorte nesta “viagem”! O concurso “Há mais mundo com o ensino profissional: profissões da primeira circumnavegação” é uma iniciativa dinamizada pela área governativa da Educação, através da ANQEP, e pela Estrutura de Missão para as Comemorações do V Centenário da Circum-Navegação comandada por Fernão de Magalhães.


publireportagem

MAGALHÃES

500 ANOS DEPOIS Como provavelmente já ouviste nas aulas de História, Fernão de Magalhães provou que era possível dar a volta ao mundo numa embarcação, numa altura em que ninguém supunha que tal fosse possível. Este feito, para além de um marco histórico, permitiu a partilha de saberes entre povos e culturas, estabelecendo-se redes de conhecimento que ainda hoje perduram. Ao celebrarmos, entre 2019 e 2022, os 500 anos desta viagem de circum-navegação, que é considerada como um dos mais relevantes eventos da Humanidade, estamos também a comemorar o reconhecimento e a valorização da Ciência, da curiosidade científica e do Conhecimento que, hoje, tal como há cinco séculos, é indispensável para vivermos em sociedade. Hoje, o nome de Fernão de Magalhães está associado quer à sustentabilidade dos oceanos, quer ainda ao empreendedorismo ou à exploração espacial. Se ficaste interessado nesta viagem, na figura de Fernão de Magalhães e na sua relação com o Planeta, visita o site que assinala o V centenário desta circum-navegação, disponível em: http://www.magalhaes500.pt.

março 2019

maiseducativa.com

19


20

música

ENTREVISTA: Sónia Costa FOTOS: cedidas pelo entrevistado

AS LIÇÕES DO PROFJAM março 2019

maiseducativa.com


PUB PUB

ȇȒnƺɎǣɮȒ‫ח׏׎א‬۴‫׎א׎א‬

INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS

!Áƺ³¨‫ټ‬ɀ‫!ٮ‬ɖȸɀȒɀÁƻƬȇǣƬȒɀ³ɖȵƺȸǣȒȸƺɀ¨ȸȒˡɀɀǣȒȇƏǣɀ Informática de Gestão

Redes e Sistemas Informáticos Desenvolvimento de Produtos Multimédia

Desenvolvimento para Dispositivos Móveis

nǣƬƺȇƬǣƏɎɖȸƏɀ Licenciatura em

Engenharia Multimédia

Licenciatura em Informática

Lisboa: Alameda das Linhas de Torres, 179 1750-142 | 218 436 670 | info@istec.pt Porto: Rua Dr. Alves da Veiga 142 4000-072 | 225 193 220 | secretaria-porto@istec.pt


22

música

A PERGUNTA DO MILHÃO: ‘TÁS BEM? Sim, sim, estou bem! Eu e o Lhast estamos bem, a minha equipa está bem, está tudo a correr pelo melhor. FOI UM LONGO CAMINHO ATÉ CHEGAR AO “MEIO”? Foi. Um longo caminho que ainda não acabou. O meio pode ser sempre apurado. Já entrei na música há quase dez anos, lancei o meu primeiro som sem qualquer expectativa, quando ainda estava na escola secundária. Foi um caminho longo, principalmente a nível interno, até atingir o mindstate que tenho neste álbum. Foi trabalhoso, custou mas valeu a pena. FOI UMA ESTRADA ACIDENTADA OU UMA RETA SEM CURVAS? Acidentada, principalmente a nível interno. A idade não diz muito, até porque num ano podes crescer mais do que em cinco anos. Foi um pouco isso que aconteceu. Os acidentes que surgiram pelo caminho - situações que me HJVU[LJLYHTV\X\LÄaHV\[YVZMVYHT[VKVZLSLZMH[VYLZ X\LTLÄaLYHTH[\HSPaHYHTPUOHTLU[HSPKHKLWLYHU[LH]PKH Seria mau que o meu primeiro som dissesse uma cena e agora, passado todo este tempo, os meus sons estarem a dizer o mesmo.

março 2019

maiseducativa.com

Pode nem se chamar crescimento: pode ser uma mudança de direção, para a esquerda ou para a direita. Desde que haja uma dinâmica, um reconhecimento de que eu era KPMLYLU[LtPZZVX\LPTWVY[H.VZ[VX\LVZTL\Z[YHIHSOVZ [LUOHTLZZLYLÅL_VLTVZ[YLTVX\LLZ[V\HWHZZHY EM QUE MEDIDA SENTES QUE ESSA MUDANÇA ACONTECEU? Cresci como artista. As minhas preocupações artísticas são, neste momento, mais vastas. Tenho uma preocupação maior a nível de som, de estética visual, de interação com o que está à volta da música. Sinto que estou, a nível artístico, mais completo. As minhas preocupações são mais abrangentes: a nível cénico, a nível do conceito do álbum, KVZL\MxZPJVKVZ]PKLVJSPWLZ No que diz respeito ao estúdio, estive em Londres a estudar e isso permitiu-me conhecer pessoas na PUK‚Z[YPHKVZVTX\LTLÄaLYHT elevar a minha música a uma X\HSPKHKL THPZ Ä_L 6 Jt\ t V limite. ALÉM DISSO, ESTUDAR FORA DEU-TE MAIS SKILLS TÉCNICOS… ,Z[\KHY MVYH KL\TL THPZ UVsLZ KH parte técnica, claro. Antes, era só eu, V TPJYVMVUL L V JVTW\[HKVY Agora já entendi que há muitos processos até ter aquele som que quero atingir. Consegui


PUBLICIDADE 01/2019

SE JÁ ESTAS A PARTICIPAR, NÃO TE ESQUEÇAS DE CONTINUAR A ESTUDAR.

Consulte o regulamento em creditoagricola.pt ou na tua Agência.


24

música ESTE ÁLBUM TEM ALGUMAS LIÇÕES? Sim, este álbum tem várias frases para pensar ou inspirar. Se a pessoa não estiver recetiva a pensar sobre determinado assunto, não vale a pena estarmos a falar sobre ele. Tem de OH]LY\TLX\PSxIYPVLU[YLVILSVÄSVZVÄJHTLU[LMHSHUKVL a razão. Não digo, em momento algum “É assim, têm de pensar assim”. É mais uma espécie de “Olha, eu vi isto assim e estou a tentar mostrar, depois tu é que vês se pegas ou não!”. A minha missão é mostrar que “A mensagem é que a mensagem és tu que a fazes”. Eu estou a dar a minha! Sou o meu aluno e deixo o meu sumário para ti, é só uma parte do que estou a aprender na vida. Estou a dar um sumário nas minhas letras e a tentar inspirar quem ouve a ser o seu próprio professor. Estou a ensinar-te a ensinares-te.

"Tudo o que eu faço tem migalhas atrás, tipo Hansel e Gretel." montar o meu estúdio, arranjei uma boa equipa técnica, sinto-me mais completo artisticamente. Acima de tudo, valeu muito pela experiência de viver em Londres, uma das capitais da música. Estar junto a pessoas com backgrounds musicais muito diferentes. Aprendi muito. Estar fora da minha matriz fez-me crescer muito internamente, obrigou-me a sair da minha zona de conforto. É confortável estar aqui, junto de quem gosto, com as minhas rotinas que já faço automaticamente, mas também foi bom sair e poder trazer algo novo. #FFFFFF: O NOME DO ÁLBUM TEM ALGUM SIGNIFICADO ESPECIAL? Tenho, neste álbum, muita inspiração religiosa e divina. O branco relaciona-se com a batina, com os mantos. É a cor da pureza, do sagrado. É também a tela sem nada, que mostra que não vejo a preto e branco mas sim com todas as cores KVLZWLJ[YV6-[HTItTNHUOV\\TZPNUPÄJHKVPTWVY[HU[L para mim, porque é a inicial de vários valores importantes na minha vida - por exemplo, família e fé. E o nome da minha mãe, Fátima. Tudo o que eu faço tem migalhas atrás, tipo Hansel e Gretel. QUANTO AO TEU NOME ARTÍSTICO: PORQUÊ PROFJAM? Quando era puto, via uma novela em que havia um personagem chamado Jamanta. O primeiro episódio começava com um atentado terrorista num centro comercial. A partir daí, esse personagem - que tinha problemas mentais - repetia sempre a mesma frase, durante a novela inteira! Só dizia “Jamanta não fez bum no shop”. Fosse o que fosse que lhe perguntassem, era sempre a mesma resposta. 5V ÄUHS KH OPZ[}YPH LSL UqV [PUOH WYVISLTHZ TLU[HPZ nenhuns: era louco, conseguiu enganar toda a gente durante imenso tempo e foi mesmo ele o responsável pelo atentado no shopping. Era um evil genius! Achei esta personagem MHZJPUHU[L(WHY[PYKHxÄX\LP1HTHU[H,YHHTPUOHHSJ\UOH na escola. 8\HUKV JVTLJLP H MHaLY T‚ZPJH X\PZ [LY \T UVTL Ä_L Abreviei Jamanta para Jam, que lembra música e jam sessions. Depois precisava de um título, claro! Tal como o Dr Dre! Se ele pode ser Doutor, eu sou Professor. Assim uma espécie de hierarquia, para dar um ar autoritário. De Professor Jamanta para ProfJam, foi assim. março 2019

maiseducativa.com

CONSIDERAS-TE UMA PESSOA CRENTE? SIm, considero. Porque crença é o contrário de certeza. Para teres fé, não podes ter certeza - ou não será uma fé. Tenho fé em que existe algo maior. Se há um design, há um designer: é a minha maneira de pensar. Se existe uma criação, a própria lógica pressupõe que exista um criador. Isto não deixa de ser uma fé. Sou crente, acredito, tenho fé.


CTeSP e LICENCIATURAS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS CTeSP ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA

ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO

Análises Químicas e Biológicas Cuidados Veterinários Produção Agrícola Proteção Civil Recursos Florestais

Assessoria e Comunicação Empresarial Desporto Recreação Educativa para Crianças

ESCOLA SUPERIOR DE ARTES APLICADAS

Gestão Empresarial Organização e Gestão de Eventos

Comunicação Audiovisual

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA

Automação e Gestão Industrial Comunicações Móveis (em parceria com a Altran – Fundão) Desenvolvimento de Produtos Multimédia Fabrico e Manutenção de Drones Instalações Elétricas e Telecomunicações Reabilitação do Edificado Redes e Sistemas Informáticos Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação

ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO

LICENCIATURAS ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA

Agronomia Biotecnologia Alimentar Enfermagem Veterinária Engenharia de Protecção Civil

ESCOLA SUPERIOR DE ARTES APLICADAS

Design de Comunicação e Audiovisual Design de Interiores e Equipamento Design de Moda e Têxtil Música variante de: Canto / Formação Musical / Instrumento / Música Electrónica e Produção Musical

ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO

ESCOLA SUPERIOR DE SAÚDE DR. LOPES DIAS

Desporto e Actividade Física Educação Básica Secretariado Serviço Social

Ciências Biomédicas Laboratoriais Enfermagem Fisiologia Clínica Fisioterapia Imagem Médica e Radioterapia

ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO

Gestão (ramo de Contabilidade ou ramo de Recursos Humanos) Gestão Comercial Gestão Hoteleira Gestão Turística Solicitadoria

/ipcb.pt

@IPCBoficial

/ipcb.pt

politecnicocbranco

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA

Engenharia Civil Engenharia das Energias Renováveis Engenharia Electrotécnica e das Telecomunicações Engenharia Industrial Engenharia Informática Tecnologias da Informação e Multimédia

WWW.IPCB.PT


26

música "Isto é uma questão que nos engole. Ou somos anti ou simplesmente DFHLWDPRVTXHRVXSHU²FLDOH[LVWHH o casamos com algo interno, que o complemente e faça sentido."

ACREDITAS QUE HÁ ALGO ACIMA DE NÓS. TENTAS, NAS TUAS MÚSICAS, CHEGAR A ESSE FUNDO E NÃO FICAR APENAS PELO SUPÉRFLUO? 1mOV\]L\THMHZLLTX\LIH[HSOLPT\P[VJVU[YHVZ\WtYÅ\V mas depois percebi que não é preciso lutar contra ele: há X\LHIYHsHYX\LLSLL_PZ[LTHZTVZ[YHYX\L[HTItTOmHSP algo mais. 7VYL_LTWSVZLL\MVYKHY\THH\SHV\HZZPZ[PYH\THTPZZH UqV]V\THS]LZ[PKV¯0Z[VWVKLWHYLJLYZ\WtYÅ\VTHZ[LY \TZPNUPÄJHKVTHPZWYVM\UKV *OLN\LPHWLUZHYX\LLZ[HYUHY\H[VKVTHS[YHWPSOVZPNUPÄJH]H TVZ[YHYX\LUqVLYHZ\WLYÄJPHS4HZUqV,Z[HYHZZPTZLYPH posicionar-me no oposto contrário e dar importância ao que tZ\WVZ[HTLU[LZ\WLYÄJPHS Isto é uma questão que nos engole. Ou somos anti ou ZPTWSLZTLU[LHJLP[HTVZX\LVZ\WLYÄJPHSL_PZ[LLVJHZHTVZ JVTHSNVPU[LYUVX\LVJVTWSLTLU[LLMHsHZLU[PKV FALAS DA HUMILDADE FACE AO CONHECIMENTO, MAS TAMBÉM DEVES TER ALGUMAS CERTEZAS… (ZJLY[LaHZÄSVZ}ÄJHZJSHYV6[HS¸:}ZLPX\LUHKHZLP¹:LP X\LLZ[V\HWLUZHYHNVYHTHZUqV[LUOVJVTV[LYJLY[LaHZ acerca do que se está a passar à minha volta. Pensar a fundo UPZ[V t \TH X\LZ[qV PU[LYLZZHU[L 9HKPJHSTLU[L MHSHUKV não tenho a certeza de nada a não ser que esta ilusão de que estou aqui existe. -HSHUKV KL JLY[LaHZ ¸JVT J WLX\LUV¹ [LUOV HSN\THZ claro. Não estou para aqui a navegar na maionese.

O QUE TOCA MAIS, NESTE MOMENTO, NA TUA PLAYLIST? 4\P[HT‚ZPJHPU[LYUHJPVUHS,Z[V\ZLTWYLHWHYKVX\L]HP ZHPUKV 5qV JVZ[\TV HWYVM\UKHY T\P[V WVYX\L UqV X\LYV ULT X\L ZLQH PUJVUZJPLU[LTLU[L [LY H TxUPTH PUJSPUHsqV para me colar demasiado a algo. Ouço muito hip hop: Drake, J.Cole, Kendrick, Future¯<TWV\JVKL[\KVKV mais ignorante ao mais consciente. COMO FOI O TEU PROCESSO CRIATIVO PARA ESTE ÁLBUM? -VPZVM[5HHS[\YHH[tLZ[H]HZLTLZ[‚KPVHUKH]HZ}JVT o meu computador de um lado para o outro. Tinha alguns ILH[ZLPKLPHZLnZ[HU[HZ]PX\L[PUOHHSN\THZZ\NLZ[LZ do LhastLX\L[\KVPZ[VUqVJHIPHU\THT‚ZPJH[VKH,\L o LhastMVTVZJYPHUKV\THYLSHsqV[HU[VWYVÄZZPVUHSJVTV KLHTPaHKL6HWYLsVWLSV[YHIHSOV\TKVV\[YVtYLJxWYVJV 6mSI\TMVPZLMVYTHUKVHWHYLJLUKVLLZ[HTVZHTIVZ muito contentes com o resultado. QUANTO AO FUTURO, O QUE NOS PODES REVELAR? O álbum vai sair a 8 de março. Nos planos tenho vários WHSJVZLJVSHIVYHsLZJVTV\[YVZHY[PZ[HZ(JPTHKL[\KV t[YHIHSOHYWHYHUqVZHPYKV¸TLPV¹*VU[PU\HYJVTVWtUV HJLSLYHKVY 5\UJH MVYsHY UHKH WVYX\L UqV NVZ[V 7YLÄYV ZLY WHJPLU[L 8\LT ]HP H ZWYPU[HY [LT THPZ OPW}[LZLZ KL [YVWLsHY¯,Z[V\UHJVYYPKHTHZWHYLJL\TWHZZLPVSlow but Steady!

passatempo março 2019

maiseducativa.com

Estás ansioso por conhecer ao detalhe as lições do ProfJam? Então fica sabendo que a Mais Educativa tem um álbum para te oferecer! Além disso, mais uma surpresa: podes ser um dos sortudos que vão ganhar um bilhete à pala para o ir ouvir no Porto ou em Lisboa! Consulta toda a informação no nosso site em www.maiseducativa.com/artigos/passatempos-a-decorrer/ ou no nosso Instagram (@mais_educativa)!


PUB PUB

CTeSP LICENCIATURAS MESTRADOS PÓS-GRADUAÇÕES ODIVELAS Instituto Superior de Ciências Educativas Telf.: 21 934 71 35 ¸ Fax: 21 933 26 88 geral@isce.pt ¸ licenciaturas@isce.pt ¸ mestrados@isce.pt

FAZ A DIFERENÇA!

PENAFIEL Instituto Superior de Ciências Educativas do Douro Tel: 255 318 550 geral@iscedouro.pt ¸ secretaria@iscedouro.pt


28

entrevista

ENTREVISTA: Sónia Costa FOTOS: cedidas pelo entrevistado

11 Lit3s TODAS AS LUZES

APONTAM PARA ELE Já dizia o velho ditado que a sorte protege os audazes. *VUÄYTHZL!UHOPZ[}YPHKL3P[ZV\;PHNV*HY]HSOV H\KmJPHLV\ZHKPHUqVMHS[HT,Z[LYHWHa]PZLLUZL X\LWHY[P\T\P[VUV]VWHYH[LYYHZKLZ\HTHQLZ[HKLL QmWHY[PSOV\LZ[‚KPVZJVTNYHUKLZUVTLZKHT‚ZPJH PU[LYUHJPVUHSLZ[mKLYLNYLZZVnZVYPNLUZ 6TV[P]V&(StTKHZZH\KHKLZKHNHZ[YVUVTPHSVJHS JOLNV\LTMVYsHWHYHJVUX\PZ[HYVW‚ISPJVWVY[\N\vZ março 2019

maiseducativa.com


30

entrevista

O QUE GUARDAS DA TUA INFĂ&#x201A;NCIA EM PORTUGAL, ANTES DE IRES PARA INGLATERRA? Fui para Inglaterra com 5 anos e tenho poucas memĂłrias dessa altura, mas lembro-me de os meus pais serem novos e terem um restaurante LT=PZL\,\Ă&#x201E;JH]HT\P[HZ]LaLZJVTHTPUOHH]}LWHZZH]HIHZ[HU[L tempo a ver Dragon Ball.

que conhecemos nesse dia. Ă&#x2030; uma quĂ­mica, uma energia que vem de MVYHLQmHJVU[LJL\]mYPHZ]LaLZLT3(JVT]mYPVZHY[PZ[HZ,Z[V\ sempre Ă procura dessa vibe.

MESMO LONGE, IAS ACOMPANHANDO O QUE SE FAZIA POR PORTUGAL? Como estive tanto tempo em Inglaterra e sĂł vinha a Portugal de fĂŠrias, JĂ GOSTAVAS DE MĂ&#x161;SICA QUANDO ERAS MIĂ&#x161;DO? O QUE nĂŁo acompanhava muito o que se passava musicalmente. Agora sim, jĂĄ estou muito mais por dentro do que se passa cĂĄ, mas nessas alturas OUVIAS? Eu adorava mĂşsica, desde novo. Os meus pais andavam muito de nĂŁo. carro e eu ia atrĂĄs sempre a ouvir muito motown, muitos clĂĄssicos, muito pop - sĂł porque era o que tocava na rĂĄdio, lĂĄ em Inglaterra. O O QUE PENSAS DO PANORAMA DA MĂ&#x161;SICA EM PORTUGAL? meu primo ouvia muito rock psicadĂŠlico e foi ele que me ofereceu um TEM VINDO A MELHORAR? dos meus ĂĄlbuns preferidos, Dark Side of The Moon dos Pink Floyd. Portugal sempre teve uma alma muito grande em tudo. No desporto, na opiniĂŁo pĂşblica, na mĂşsica - e acho que ĂŠ igual hoje em dia. O que Passava dia e noite ouvi-lo! eu gostava de ver mais - e digo sempre isto Ă s pessoas Ă  minha volta SEMPRE PROCURASTE A TUA INDEPENDĂ&#x160;NCIA: A CERTA - eram tentativas de ser diferente, de nĂŁo copiar o que jĂĄ foi feito sĂł ALTURA, ESSA VONTADE LEVOU-TE ATĂ&#x2030; LOS ANGELES. COMO porque funciona na altura. Ă&#x2030; isso que vai puxar tudo para a frente. Mas sim, acho que Portugal estĂĄ com a alma cheia e que ainda temos muito FOI DAR ESSE PASSO OUSADO? Sempre gostei do meu espaço e sempre sonhei alto, desde novo. para mostrar ao mundo. Algumas coisas nĂŁo consegui alcançar, mas alguns grandes sonhos consegui - e isso ĂŠ que interessa. O passo para LA foi difĂ­cil mas, ao QUAL A TUA PARTE FAVORITA DE TODO ESTE PROCESSO DE mesmo tempo, foi uma das melhores sensaçþes que jĂĄ tive. Acordar no PRODUZIR? dia depois da viagem, no meio de West Hollywood, com as palmeiras, A minha parte preferida ĂŠ quando se encontra um estilo novo, algo que com tantas possibilidades Ă  minha voltaâ&#x20AC;Ś Foi especial, depois de nunca foi feito antes e que soa bem. trabalhar tanto e juntar dinheiro para poder lĂĄ estar. O TEU PROCESSO CRIATIVO Ă&#x2030; MUITO ESPONTĂ&#x201A;NEO OU ESFORĂ&#x2021;AS-TE POR TER UMA ROTINA E CRIAR TODOS OS DIAS? O QUE CORREU MAL E O QUE APRENDESTE NESSA VIAGEM? Nada estava a acontecer para o meu lado durante o primeiro mĂŞs em Depende. HĂĄ alturas em que nĂŁo toco no pc durante uma semana e que lĂĄ estive. As pessoas com quem estava Ă  espera de me encontrar sĂł oiço mĂşsica, outras alturas em que nem como porque sinto uma para mostrar mĂşsica nĂŁo me devolviam as chamadas, perdi a chave de urgĂŞncia em criar e tudo sai naturalmente. Dou valor a capturar o casaâ&#x20AC;Ś AtĂŠ perdemos o carro, a certa altura (risos)! O dinheiro estava momento, muito mais do que a outras coisas na minha vida. acabar... Mas houve ali uma altura - assim que me conformei com o facto de que nĂŁo ia ser tĂŁo fĂĄcil como tinha pensado que podia ser - que LONDRES, LOS ANGELES, VISEUâ&#x20AC;Ś ONDE TE SENTES me foquei mesmo a sĂŠrio. Com muito trabalho mental e horas com os VERDADEIRAMENTE EM CASA? fones na cabeça, as oportunidades Ă  minha volta começaram a surgir. Viseu ĂŠ a minha casa, onde me sinto mais confortĂĄvel; Londres ĂŠ onde Aprendi a ser persistente e a dar sempre valor aos sonhos e paixĂľes me sinto mais em famĂ­lia. A minha equipa, os meus pais, os meus que vivem dentro de mim - mesmo que isso implique ignorar toda a irmĂŁos estĂŁo lĂĄ. LA ĂŠ onde me sinto mais focado no meu trabalho e gente que esteja contra tal e manter por perto apenas as pessoas que mais inspirado para escrever e criar. mostram genuĂ­no interesse nos meus talentos. COMO SURGE ESTA PARCERIA COM LHAST EM OVER? DO QUE TUDO COMEĂ&#x2021;OU NUMA FESTA - A ROC NATION. TINHA TUDO TRATA ESTA MĂ&#x161;SICA? O Over surgiu em LA. O Lhast e o Duda, o manager dele, foram a PARA CORRER MAL, MASâ&#x20AC;Ś A festa da Roc Nation foi onde conheci as pessoas que me deram as TPUOH JHZH L LZ[P]LTVZ H MHaLY \T JH[JO \W 6 Lhast mostrou-me ferramentas para poder começar a construir o meu caminho em LA. o som e eu comecei a cantar a melodia do refrĂŁo. Depois, durante as Rami Afuni acreditou em mim e depois dessa festa - onde conheci semanas seguintes, escrevemos as letras e eu acabei de gravar o som muitos dos meus Ă­dolos, e isso foi surreal para mim, que tinha 19 anos em Viseu. O som fala do momento em que uma relação começa a LLZ[H]HZVaPUOVUVTLPVKL/VSS`^VVKRami pĂ´s-me em contacto LZ[HNUHYLHĂ&#x201E;JHYTVY[HKLX\HUKVHZWLZZVHZJVTLsHTJHKH\TH JVTTHPZKLL_LJ\[P]VZKLTÂ&#x201A;ZPJH,L\M\PMHaLYYL\UP LZHM\UKV a seguir passos diferentes. TambĂŠm ĂŠ sobre conhecer alguĂŠm durante nesse Ăşltimo mĂŞs, das quais surgiram muitas oportunidades. Tudo por LZZLZTVTLU[VZĂ&#x201E;UHPZKHYLSHsqVMHSVUPZZVSVNVUVZLN\UKV]LYZV causa dessa festa e do Rami. HĂ MUITOS QUE SAEM DE PORTUGAL. TU VOLTASTE. O QUE TE JĂ ESTIVESTE EM ESTĂ&#x161;DIO COM GRANDES NOMES DA ATRAI AQUI? MĂ&#x161;SICA. HĂ ALGUMA DESSAS SITUAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES QUE GUARDES COM ,\ Ă&#x201E;X\LP [HU[V [LTWV H [YHIHSOHY HYK\HTLU[L LT 3( X\L JOLN\LP H um ponto de exaustĂŁo. Por isso, quis voltar para Portugal. Encontrei a ESPECIAL CARINHO? <TH]LaM\PH\TMLZ[P]HSJOHTHKVRock The Bells. O Kendrick tocou facilidade de poder morar cĂĄ e viajar quando precisasse. Sentia falta de SmLL\Ă&#x201E;X\LP]PKYHKVH]LYHLULYNPHKVWÂ&#x201A;ISPJVK\YHU[LVJVUJLY[V viver um bocado - e sentia muita falta da comida portuguesa. Embora inteiro. Fiquei ainda mais fĂŁ depois de o ver ao vivo. Uma ou duas WVZZHTUqVHJYLKP[HYLZZHMVP\THNYHUKLYHaqV9PZVZ semanas depois, estava a trabalhar no meu estĂşdio na Interscope e o Kendrick entra lĂĄ dentro do nada, a abanar a cabeça! Eu deixei tocar QUANTO AO FUTURO, TENS ALGUNS PLANOS QUE POSSAS o beat atĂŠ acabar e depois começåmos a falar. Ele apresentou-se, REVELAR? eu dei-lhe os meus props. Depois, ele foi ao meu PC meter o e-mail Muitas novidades e evolução! Vou lançar o meu primeiro projeto KLSLWHYHL\SOLTHUKHYHX\LSLZVT-VP\TTVTLU[VĂ&#x201E;_LNVZ[H]H e tambĂŠm jĂĄ comecei a trabalhar no prĂłximo. Depois vou sair de de um dia poder vir a trabalhar com ele a sĂŠrio. Outros momentos de 7VY[\NHS]VS[HYV\[YH]LaH3(([tSm]V\[VJHYLTHSN\UZJVUJLY[VZ LZ[Â&#x201A;KPVHJVU[LJLTJVTX\LTTLUVZLZWLYHTVZnZ]LaLZWLZZVHZ em Portugal. Vou anunciar essas datas nas minhas redes sociais.

março 2019

maiseducativa.com


PUB

PUB


32

experiências TEXTO: Sónia Costa FOTOS: Zomato

Dia doPai

Eles mandam as melhores piadas (sem piada, mas rimos na mesma), dão os abraços mais apertados, as maiores dentadas quando lhes perguntamos se querem provar um pedacinho, os piores sermões e os conselhos mais sábios. A 19 de março, chega o dia deles! Já pensaste onde levar o teu pai a jantar?

CONTRABANDO

4,3/5

4,2/5

Rua Barata Salgueiro, 37A, Avenida da Liberdade, Lisboa

março 2019

maiseducativa.com

4,5/5

Rua do Pólo Sul, 15C, Parque das Nações, Lisboa 1990-0921990-092

Avenida 24 de Julho, 90, Santos, Lisboa

DOTE

BUTCHERS

DOM QUEIJO

Campo Grande, 232C

4,9/5


34

experiências

FAZ FIGURA

4,3/5

Rua do Paraíso, 15B, Santa Apolónia, Lisboa 1100-395 Lisboa

VOLVER DE CARNE Y ALMA

4,9/5

Rua Luís de Freitas Branco, 5D, Lumiar, Lisboa 1600 488

IL FORNAIO

4,9/5

Rua François Guichard, 178, Ramalde, Porto 4100-012

março 2019

maiseducativa.com

CARTEL 36

4,5/5

Rua Sinais de Fogo, Lote 3. 14.04C, Loja 12C, Parque das Nações, Lisboa

TERMINAL 4450

4,9/5

Avenida Doutor Antunes Guimarães, Terminal dos passageiros, Leça da Palmeira

MUITO BEY

Rua da Moeda, 8, Cais do Sodré, Lisboa

4,1/5


36

entrevista

ENTREVISTA: Sónia Costa FOTOS: cedidas pelo entrevistado

SUPA SQUAD

É TUDO DELES Mr. Marley e Zacky Man são primos e formam os Supa Squad! E não é que este esquadrão tem mesmo algo de Super? Além de cantores, são ainda produtores da grande maioria das suas músicas: uma fusão de ritmos energéticos, com PUÅ\vUJPHZKLUL^ roots, reggae e dance hall.

março 2019

maiseducativa.com


38

entrevista

COMEÇARAM NO PORTO, SÃO DE COIMBRA, MORAM EM LISBOA MAS TÊM RAÍZES EM CABO VERDE. ONDE SE SENTEM VERDADEIRAMENTE EM CASA? Sentimo-nos em casa em qualquer um desses lugares. Como só o Marley cresceu em Coimbra, temos Lisboa em comum. Podemos considerar a capital como a nossa casa.

QUANTO ÀS VOSSAS NOVAS FAIXAS, “TUDO NOSSO” E “AVÉ MARIA”, O QUE NOS PODEM CONTAR? Tudo Nosso e Ave Maria são os segundos singles do nosso LP. As primeiras participações em português, com dois estilos com os quais UVZPKLU[PÄJHTVZIHZ[HU[L!(MYVL-\UR Os featurings em si também já eram óbvios para nós há algum tempo, por isso todo o processo de criação foi natural e bastante divertido. COMO DEFINEM O VOSSO ESTILO DE MÚSICA? Está a resultar muito bem, são faixas especialmente direcionadas para É importante salientar que, já desde há algum tempo, os estilos a pista. Na nossa opinião, tem funcionado melhor do que esperávamos. T\ZPJHPZ LZ[qV [VKVZ M\UKPKVZ 5\TH MHP_H WVKLT PKLU[PÄJHYZL ,PZZVt\THYLJVTWLUZHNYH[PÄJHU[L vários elementos de cada estilo! Há uns anos era correto catalogar-nos como uma banda de Dancehall - mas, na verdade, a música que EM PORTUGAL HÁ UMA BOA RELAÇÃO DE COOPERAÇÃO fazemos é resultado de uma fusão do reggae, Dancehall, afro-beat, ENTRE ARTISTAS? moombahton… Por vezes tem um approach mais pop ou não, tendo Portugal não é muito grande e isso faz com que não exista uma inevitavelmente o Dancehall como elemento principal. imensidão de artistas dentro dos mesmos estilos. Por isso, achamos que faz todo o sentido colaborar, mesmo fora dos estilos musicais. “SUPA SQUAD”. O VOSSO NOME TEM ALGUM SIGNIFICADO Ultimamente temos observado que os artistas têm unido, cada vez ESPECIAL? COMO O ESCOLHERAM? mais, esforços para fazer boa música. Isso tem elevado o panorama A ideia de “SUPA SQUAD” surgiu quando tomámos a decisão de musical em Portugal. No nosso caso, desde que começámos que alterar o nome “MR MARLEY & ZACKY MAN”. Essa altura foi uma fase temos vindo a colaborar com artistas como Putzgrilla, Karetus, RIOT, de mudança para nós, durante a qual optámos por deixar os nomes Beatbombers, Boss AC, Leftside... artísticos para segundo plano e escolher o atual como representante Podemos dizer que, neste momento, o nível está tão alto quanto no KHUVZZHTHYJHKVUVZZVJVSL[P]V6UVTL[YHK\aPKVnSL[YHZPNUPÄJH panorama internacional! “Super Esquadrão”. A ideia era transparecer que Supa Squad não somos só nós, mas sim uma equipa que envolve todos os que fazem o projeto subir: desde os artistas e técnicos até aos amigos e fãs.

"Desde o single Manda Vir, o primeiro em português que invadiu as pistas de dança no final de 2018, até ao Tudo Nosso e Ave Maria, foi tudo uma preparação do terreno para o LP que vem aí."

COMO SURGE A IDEIA DE PRODUZIREM MÚSICA JUNTOS? DESDE CRIANÇAS QUE JÁ TINHAM ESSE GOSTO PELA ÁREA? Foi algo natural, em grande parte partiu da responsabilidade da One Love Family. Desde muito pequenos que fomos introduzidos ao mundo da música. Com apenas 4 anos de idade, tanto um como o outro já lidávamos com ela. O Marley, graças à banda One Love Family, ganhou experiência de palco desde muito cedo. O Zacky Man começou, também, a tocar bateria por volta dos 4. Participou na banda mais tarde, em 2012, a tocar teclados. Já desde muito pequenos que partilhamos os mesmos gostos, ideias e PARA O FUTURO, TÊM MUITOS PLANOS E NOVOS SONS NA conceitos musicais. Acho que, para nós, era inevitável que viéssemos a MIRA? [YHIHSOHYQ\U[VZ8\HUKVOV\]LVWVY[\UPKHKLWHYH[HSWVY]VS[HKVÄUHS Desde o single Manda Vir, o primeiro em português que invadiu as de 2011, formámos o nosso próprio projeto. WPZ[HZKLKHUsHWLSVWHxZUVZÄUHPZKLH[tHVTudo Nosso e Ave Maria, foi tudo uma preparação do terreno para o LP que vem aí. NAS VOSSAS PLAYLISTS, O QUE TOCA MAIS? QUE MÚSICAS COSTUMAM OUVIR E QUE ARTISTAS E ESTILOS VOS O QUE NOS PODEM CONTAR QUANTO A ESSE LP? INFLUENCIAM? Chama-se Tudo Nosso e os três sons que saíram estão incluídos As nossas playlists abrangem um pouco de tudo. Normalmente, nele. Como costumamos colaborar com outros artistas mas não o Dancehall e o Reggae estão no topo. Uma das nossas maiores costumamos fazer muitas colaborações para nós próprios, decidimos PUÅ\vUJPHZ t Sean Paul e este consta sempre nas playlists - mas lançar um LP todo em português e apenas com participações - à também ouvimos bastante artistas como Mr Eazi, Burna Boy, MHD, exceção do Manda Vir. Estamos certos de que conseguimos uma boa Major Lazer, AfroBros. fusão, captando o melhor de cada artista com quem colaboramos. A ideia é sair mais um single e depois o LP. AO LONGO DA VOSSA CARREIRA, QUAIS FORAM AS PARCERIAS QUE MAIS GOSTARAM DE FAZER? Por norma, não costumamos fazer muitas colaborações para nós... Colaboramos, sim, mas com outros artistas - como Karetus, Putzgrilla, Leftside, Boss AC. Não é algo tão frequente assim e quando acontece é porque gostamos e queremos mesmo fazê-lo. Foi por isso que decidimos lançar um LP só com participações! Podemos dizer que as colaborações com Deejay Telio, Deedz B e MC Zuka foram das melhores! TAMBÉM TÊM PARTICIPADO NA PRODUÇÃO DE MÚSICAS UM POUCO DIFERENTES DO VOSSO ESTILO HABITUAL. ESSAS INFLUÊNCIAS SÃO IMPORTANTES PARA O VOSSO TRABALHO? São sempre importantes porque, além de expandirem o nosso conhecimento musical, fazem-nos evoluir como produtores também! +LJLY[HMVYTHHJHIHTVZWVYPUÅ\LUJPHYLZZHZT‚ZPJHZJVTVUVZZV PUW\[LZVTVZPUÅ\LUJPHKVZWLSVYLZ\S[HKV6MHJ[VKL[YHIHSOHYTVZ com artistas que são, por vezes, bastante diferentes do nosso estilo, torna uma colaboração ou uma mistura interessante. Um grande exemplo disso será o nosso LP. março 2019

maiseducativa.com


PUB PUB

230

6708 Estudantes

2344 Bolsas de Ação Social

315 Estudantes em mobilidade

34 Licenciaturas

125 Eventos Culturais

6 Centros de Investigação

38 Mestrados

5 Residências

Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro

gci@utad.pt

www.utad.pt

GCI-UTAD

Já conheces a tua futura universidade?


40

entrevista

ENTREVISTA: Sónia Costa FOTOS: cedidas pelo entrevistado

ESCOLA DE COMÉRCIO DO PORTO (,ZJVSHKL*VTtYJPVKV7VY[V,*7LTH[P]PKHKLKLZKL t\THLZJVSHWYVÄZZPVUHSLZWLJPHSPaHKHUHmYLH KVJVTtYJPVLZLY]PsVZ,Z[H,ZJVSH[LT]PUKVHKLZLTWLUOHYHVSVUNVKHZ\HOPZ[}YPH\TWHWLSM\UKHTLU[HSUH LK\JHsqVLMVYTHsqVKLQV]LUZLUHYLX\HSPÄJHsqVKLHK\S[VZ

Entrevista a Dra. Ana Mestre, diretora da ECP

(VMLY[HMVYTH[P]HKH,ZJVSHKL*VTtYJPVKV7VY[VtKP]LYZPÄJHKH e abrangente. Quais as vossas maiores apostas? ( ,ZJVSH KL *VTtYJPV KV 7VY[V ,*7 t \TH LZJVSH WYVÄZZPVUHS LZWLJPHSPaHKHUHmYLHKVJVTtYJPVLZLY]PsVZ,TH[P]PKHKLKLZKL  [LT]PUKVHKLZLTWLUOHYKLZKLLU[qV\TWHWLSM\UKHTLU[HS UH LK\JHsqV L MVYTHsqV KVZ QV]LUZ L [HTItT UH MVYTHsqV L YLX\HSPÄJHsqVKLHK\S[VZ (UVZZHTHPVYHWVZ[HZqVVZJ\YZVZWYVÄZZPVUHPZKLLX\P]HSvUJPHHV ¢HUVJVTVMLY[HKVZJ\YZVZKL;tJUPJV*VTLYJPHS;tJUPJVKL *VT\UPJHsqV L :LY]PsV +PNP[HS ;tJUPJV KL 4HYRL[PUN ;tJUPJV KL 6WLYHsLZ;\YxZ[PJHZL;tJUPJVKL=LUKHZ7HYHSLSHTLU[LHVZJ\YZVZ WYVÄZZPVUHPZH,*7WYVTV]LJ\YZVZKLLK\JHsqVLMVYTHsqV*,- KLLX\P]HSvUJPHHV ¢HUVJVTVVJ\YZV;tJUPJVKL6WLYHKVYKL +PZ[YPI\PsqVLKL9LZ[H\YHU[L)HY(WHYKVZJ\YZVZWYVÄZZPVUHPZL KL LK\JHsqV L MVYTHsqV HWVZ[H LT HsLZ KL MVYTHsqV TVK\SHY UHZmYLHZKV*VTtYJPV=LUKHZ4HYRL[PUN*VT\UPJHsqV+PNP[HSL ;\YPZTV *VT V PU[\P[V KL HKLX\HY L HQ\Z[HY H Z\H VMLY[H MVYTH[P]H H ,*7 [LTLTJVUZPKLYHsqVVZWHYLJLYLZKHÍYLH4L[YVWVSP[HUHKV7VY[V LVJH[mSVNVUHJPVUHSKHZX\HSPÄJHsLZKH(NvUJPH5HJPVUHSWHYHH 8\HSPÄJHsqV(58,7\TPTWVY[HU[LPUZ[Y\TLU[VKL]HSPKHsqVWHYH \THVMLY[HYLSL]HU[LLJLY[PÄJHKH Quanto à metodologia de ensino, enveredam por uma vertente mais prática com objetivo de capacitar os estudantes a integrarem o mercado de trabalho imediatamente após os estudos. Como se traduz, esta visão? ( ,ZJVSH KL *VTtYJPV KV 7VY[V t \TH LZJVSH PUV]HKVYH X\L WYVTV]L TL[VKVSVNPHZ H[P]HZ L ]HSVYPaH V [YHIHSOV JVSHIVYH[P]V H[YH]tZKHHWYLUKPaHNLTVYPLU[HKHWHYHHYLZVS\sqVKLWYVISLTHZ ,Z[H HWYLUKPaHNLT PUJLU[P]H H PU[LYKPZJPWSPUHYPKHKL LU[YL HZ ]mYPHZ JVTWVULU[LZ KL JHKH J\YZV ZVJPVJ\S[\YHS JPLU[xÄJH L [tJUPJH YLZWVUKLUKV H X\LZ[LZ V\ KLZHÄVZ LT X\L VZ HS\UVZ ZqV VZ WYV[HNVUPZ[HZ 6Z WYVQL[VZ PU[LYKPZJPWSPUHYLZ ZqV HIYHUNLU[LZ L PUJS\LTHY[LJVT\UPJHsqVLZVSPKHYPLKHKLZVIVZSLTHZ¸HWYLUKLY H HWYLUKLY¹ L ¸HWYLUKLY MHaLUKV¹ ,Z[LZ ZqV LUJHYHKVZ JVTV WYVJLZZVZ KL YLJVUZ[Y\sqV KHZ L_WLYPvUJPHZ X\L LZ[PT\SHT H H\[VUVTPHKVZHS\UVZYLJVYYLUKVH\THTL[VKVSVNPHX\LPTWSPJH março 2019

maiseducativa.com

H HY[PJ\SHsqV JVT V TLPV LU]VS]LU[L ( ,*7 THU[tT [HTItT WHYJLYPHZ JVT VYNHUPZTVZ KL PU[LYLZZL W‚ISPJV L HPUKH JVT LU[PKHKLZ LTWYLZHYPHPZ KH JPKHKL KLZKL VZ WLX\LUVZ SVQPZ[HZ nZ NYHUKLZ Z\WLYMxJPLZ JVTLYJPHPZ L H T\S[PUHJPVUHPZ ( ,*7 PUJLU[P]HHPUKHVZZL\ZHS\UVZHWHY[PJPWHYLTLTJVUJ\YZVZ[LUKV VI[PKV KP]LYZVZ WYtTPVZ KL LTWYLLUKLKVYPZTV ZVJPHS L JYPH[P]V Z\Z[LU[HIPSPKHKLHTIPLU[HSLWYm[PJHZKLPUZLYsqVWYVÄZZPVUHS,Z[H WHY[PJPWHsqVKLZHÄHVZHS\UVZHZLYLTJ\YPVZVZH\KHaLZLJHWHaLZ KL ZHxYLT KH Z\H aVUH KL JVUMVY[V L_WVUKVZL W\ISPJHTLU[L n JYP[PJHUVZLU[PKVKLMHaLYLTTHPZLTLSOVY ( ,*7 KPZWL HPUKH KL LZWHsVZ ÅL_x]LPZ ILT LX\PWHKVZ L TVKLYUVZ WH[YVJPUHKVZ WVY ]mYPHZ LTWYLZHZ UHJPVUHPZ X\L WLYTP[LTHVZHS\UVZMHTPSPHYPaHYLTZLJVTVJVU[L_[VLTWYLZHYPHSL THYJHZYLJVUOLJPKHZUVTLYJHKV A relação que estabelecem com as empresas tem feito com que estas já procurem fortalecer as suas equipas com estudantes oriundos da ECP? 9LHSPaHTVZ LZ[mNPVZ HU\HPZ LT [VKVZ VZ HUVZ KL LZJVSHYPKHKL KPZWVUPIPSPaHUKVWHYHVLMLP[VVZLY]PsVKV.HIPUL[LKL,TWYLZHZ X\LHWVPHVZHS\UVZUHWYVJ\YHKHTLSOVYZVS\sqVWHYHHMVYTHsqV LTJVU[L_[VKL[YHIHSOVLHPU[LNYHsqVWYVÄZZPVUHSUVÄUHSKVJ\YZV *VU[HTVZ[HTItTJVTVZLY]PsVKV.HIPUL[LKL7ZPJVSVNPHWHYH KHYHWVPVHVZHS\UVZUHJVUZ[Y\sqVYLMVYT\SHsqVLJVUJYL[PaHsqV KVZ WYVQL[VZ ]VJHJPVUHPZ WYVÄZZPVUHPZ L WYVZZLN\PTLU[V KVZ LZ[\KVZ 7VYZLY\THLZJVSHJVT\TWLYÄSLTWYLLUKLKVYÅL_x]LSLKLYLSHsqV KPYL[HJVTHZLTWYLZHZZqVPU‚TLYHZHZVWVY[\UPKHKLZKL[YHIHSOV WHYHVZL_HS\UVZJVU[YH[HKVZLTKPMLYLU[LZYLNPTLZKL[YHIHSOV KLZKLWHY[[PTLHJVU[YH[VZZHaVUHPZV\LTtWVJHZMLZ[P]HZ=LYqV 5H[HS 7mZJVH¯ ( ,*7 LUJHYH LZ[HZ VWVY[\UPKHKLZ KL [YHIHSOV JVTV \TH THPZ ]HSPH HV Ux]LS KV YLMVYsV KHZ HWYLUKPaHNLUZ TV[P]HsqV WHYH H JVUJS\ZqV KH MVYTHsqV THZ [HTItT JVTV \T WYV]LP[V ÄUHUJLPYV PTWVY[HU[L WHYH T\P[VZ HS\UVZ L YLZWL[P]HZ MHTxSPHZ


PUB

era5mu5 + Uma escola com

Cur5o5prof i5

atitude

equi8a.ênciaa

Comércio

5iona i

o12.ano -ní8 e . 4

5

674+5/1 HFSHVFRODFRPHUFLRSRUWRSW

5

c1/70+%#C#1 '5'48+C1&+)+6#. Â&#x2022;#4-'6+0) Ã&#x160;'0&#5 5

V21+1?v'56#1 5

5

o a c a m r o f  e  o a ç a c u & e  e &  5 o 5 r Cu equi8a.ênciaao9.ano-ní8e.2 l/24')#&14'56#74#06'$#4 5

12'4#&14&'&+564+$7+C#1

a 6 i u 6 a r )  a i c n ê u q Fre

Informações e condições de acesso geral@ecp.edu.pt 222 071 530

(VFROD3URÃ&#x20AC;VVLRQDOTXHLQWHJUDR 3URMHWRGH$XWRQRPLDH)OH[LELOLGDGH &XUULFXODU

&RÃ&#x20AC;QDQFLDGRSRU


42

entrevista

Na apresentação do vosso Projeto Educativo, referem que a partilha de experiĂŞncias com o meio envolvente traz valores acrescidos e novas referĂŞncias. Em que medida pode essa formação â&#x20AC;&#x153;fora da sala de aulaâ&#x20AC;? ajudar um aluno a desenvolver os seus conhecimentos e tornar-se um estudante mais completo? A ECP preconiza um conjunto de princĂ­pios que sĂŁo o alicerce do seu projeto educativo: 1. Um ensino inovador Apresenta um novo formato de funcionamento com vĂĄrios projetos. Por exemplo, o projeto, intitulado â&#x20AC;&#x153;Porto Cidade de ComĂŠrcioâ&#x20AC;? implicou a criação, o desenvolvimento e a implementação de trĂŞs Rotas (ComĂŠrcio com HistĂłria, ComĂŠrcio das Artes e dos OfĂ­cios e os Novos Conceitos de ComĂŠrcio) que resultaram em aprendizagens impactantes nos alunos, ao nĂ­vel do conhecimento da cidade, do tecido empresarial e da cultura das organizaçþes intervenientes. 2. EstĂĄgios anuais A efetivação da formação em contexto de trabalho desde o primeiro ano do curso (10.Âş ano de escolaridade), retira da sala de aula a exclusividade da aprendizagem e o protagonismo do professor. Os locais de estĂĄgio funcionam como laboratĂłrios de aprendizagem, experienciando-se atravĂŠs do â&#x20AC;&#x153;aprender fazendoâ&#x20AC;?, em que o aluno lida com o erro e a crĂ­tica, sendo a capacidade de comunicar e o relacionamento interpessoal reforçados. 3. A avaliação 360 graus de cada aluno, tanto no inĂ­cio como UVĂ&#x201E;UHSKVJ\YZV Esta avaliação confronta as provas de diagnĂłstico e a entrevista inicial efetuada pelo SPO, na entrada do aluno na ECP, num momento em que sĂŁo avaliadas as competĂŞncias transversais e ]VJHJPVUHPZKVZHS\UVZJVTVWYVQL[VĂ&#x201E;UHSKH¸7YV]HKL(W[PKqV 7YVĂ&#x201E;ZZPVUHSš H]HSPHsqV L_[LYUH 5LZ[H 7YV]H ZqV YL]LSHKVZ VZ objetivos, princĂ­pios e valores do Projeto Educativo ECP, sendo alcançados pela maior parte dos alunos. Muitos dos projetos que PU[LNYHT LZ[H WYV]H Ă&#x201E;UHS [vT \TH LSL]HKH L_LX\PIPSPKHKL L ZqV destacados, obtendo o prĂŠmio da â&#x20AC;&#x153;Melhore PAPâ&#x20AC;? pela ANQEP (NvUJPH5HJPVUHSWHYHH8\HSPĂ&#x201E;JHsqVLV,UZPUV7YVĂ&#x201E;ZZPVUHS 4. Um Programa de Desenvolvimento de Soft Skills, embora [YHUZ]LYZHSH[VKHZHZJVTWVULU[LZKVZJ\YZVZPUZWPYHZLUV7LYĂ&#x201E;S do Aluno Ă SaĂ­da da Escolaridade ObrigatĂłria que, no caso da ECP, estipula os â&#x20AC;&#x153;quatro C`sâ&#x20AC;? da ECP: colaborativo, comprometido, comunicativo e criativo. Assim, no percurso formativo dos alunos, estas competĂŞncias estarĂŁo sempre presentes, tendo como alvo H JVUZ[P[\PsqV KL \T WLYĂ&#x201E;S KL HS\UV HKLX\HKV HVZ KPHZ H[\HPZ incerto, complexo e ambĂ­guo, de constante mudança tecnolĂłgica e, para isso, exige-se serem dotados de pensamento crĂ­tico, espĂ­rito de equipa, sendo capazes de resolver problemas pessoais e coletivos, sendo solidĂĄrios e humanistas. 5. Intercâmbios nacionais e internacionais Erasmus + , que resultam de uma perspetiva de convivĂŞncia no mundo global, fomentada pelas tecnologias de comunicação e de informação. As mobilidades internacionais sĂŁo valorizadas no sentido de preparar os nossos alunos para a diversidade social e cultural, presente no mundo de trabalho atual. Assim, a ECP promove mobilidades para HS\UVZLZ[HÉ&#x2C6;YLNPZ[HUKV\THNYHUKLHKLZqVWVYWHY[LKVZHS\UVZ 6. Com vista a uma educação para a cidadania, a ECP procura impulsionar a participação social atravĂŠs de seminĂĄrios, conferĂŞncias, workshops, visitas e atividades extracurriculares que se realizam semanalmente e fazem parte integrante da â&#x20AC;&#x153;EstratĂŠgia de Educação para a Cidadania da Escolaâ&#x20AC;?. Fomentamos, por isso, um ambiente de simplicidade e proximidade, com alegria e enfoque positivo na formação de pessoas.

março 2019

maiseducativa.com

O que se pode esperar de um aluno que tenha frequentado a Escola de ComĂŠrcio do Porto? O Projeto Educativo da Escola de ComĂŠrcio do Porto contempla um processo de ensino-aprendizagem de qualidade, integrando princĂ­pios e valores igualitĂĄrios, promovendo competĂŞncias O\THUHZ ZVJPHPZ L WYVĂ&#x201E;ZZPVUHPZ UV ZLU[PKV KH MVYTHsqV PU[LNYHS dos seus alunos. 6HS\UV,*7tJHWHaKLHIYHsHYJ\S[\YHZLTWYLZHYPHPZKP]LYZPĂ&#x201E;JHKHZ porque, ao longo de trĂŞs anos de formação, contacta com ambientes WYVĂ&#x201E;ZZPVUHPZLTt[VKVZKL[YHIHSOVKPMLYLU[LZHWYLUKLUKVHYLHSPaHY JVTYLZWVUZHIPSPKHKLHZ[HYLMHZX\LSOLZqVJVUĂ&#x201E;HKHZ A ECP centra a atuação em padrĂľes ĂŠticos, sustentabilidade e principio de cidadania ativa. As necessidades do mercado empresarial sĂŁo constantes: WYVJ\YHT TqVKLVIYH X\HSPĂ&#x201E;JHKH L KL NYHUKL X\HSPKHKL ( ECP tem contribuĂ­do para aumentar a competitividade regional a este nĂ­vel? Numa forte relação com o mundo empresarial â&#x20AC;&#x201C; atravĂŠs de protocolos, sinergias e desenvolvimento de vĂĄrios projetos com empresas â&#x20AC;&#x201C;, a ECP pĂľe em prĂĄtica um sistema de aprendizagem que valoriza o desenvolvimento de competĂŞncias para o exercĂ­cio KL\THWYVĂ&#x201E;ZZqVV\WHYHVWYVZZLN\PTLU[VKLLZ[\KVZZ\WLYPVYLZ O reconhecimento, por parte das entidades parceiras, da qualidade KL LUZPUV KH ,*7 YLĂ&#x2026;L[LZL UH WYVJ\YH KVZ UVZZVZ HS\UVZ WHYH a realização da formação em contexto de trabalho nas suas organizaçþes mas, tambĂŠm, para processos de recrutamento e JVU[YH[HsqVSHIVYHSWHZZHUKVHMHaLYWHY[LKVZ[HÉ&#x2C6;LTL]LU[VZKL grande dimensĂŁo. (HWVZ[HUV,UZPUV7YVĂ&#x201E;ZZPVUHS[LTKHKVMY\[VZ& Acreditamos que sim, na medida em que os nĂşmeros falam por si. JĂĄ passaram pela escola cerca de 10500 de alunos; 6500 alunos foram JLY[PĂ&#x201E;JHKVZ" HWYLZLU[HTVZ \TH [H_H KL   KL LTWYLNHIPSPKHKL em quadros tĂŠcnicos; temos mais de 200 protocolos com empresas nacionais e, este ano letivo, temos a decorrer 36 mobilidades ,YHZT\ZKLHS\UVZLZ[HÉ&#x2C6;


PUB

PUB


44

cultura

MAGIA

TEXTO: Sónia Costa FOTOS:Museu da Marioneta

A DOS ESTÚDIOS AARDMAN Chegou ao Museu da Marioneta a primeira exposição dos estúdios britânicos em Lisboa! És fã das peripécias mirabolantes d’A Ovelha Choné? Também torceste pelo sucesso dos galináceos n’A Fuga das Galinhas? Então vais gostar de saber que estes personagens, que não te são nada estranhos, estão em exposição bem perto de ti!

março 2019

maiseducativa.com


46

cultura

A Monstra – Festival de Animação de Lisboa, em parceria com o Museu da Marioneta, apresenta a primeira exposição em Lisboa dos britânicos Estúdios Aardman! Ao todo, estão expostas 47 marionetas,  JLUmYPVZ ]mYPVZ Z[VY`IVHYKZ L T\P[VZ LZX\PZZVZ  \T KLZÄSL KL WLYZVUHNLUZZHxKVZKPYL[HTLU[LKVZÄSTLZLZtYPLZX\L[VYUHYHTLZ[L estúdio num dos mais conhecidos e admirados em todo o mundo: Wallace e Gromit, Creature Comforts, Timmy, A Ovelha Choné, A Fuga das Galinhas, Morph e o mais recente A Idade da Pedra! Fernando Galrito, diretor artístico da MonstraHÄYTHX\LHVYNHUPaHsqV teve “a sorte de ter esta exposição nesta edição do festival. Temos exibido T\P[VZÄSTLZKH(HYKTHUHVSVUNVKVZHUVZLTVZ[YHY\THL_WVZPsqV deste estúdio era um desejo que tínhamos há imenso tempo. A Aardman funciona como um coletivo, tem uma cultura muito europeia e um lado muito humanista, fazia todo o sentido para nós”. 6ZÄSTLZKHAardman[vTTHYJHKVWYLZLUsHYLN\SHYUV-LZ[P]HSMonstra desde 2008, ano em que foi prestada homenagem ao cinema de animação PUNSvZ+H(HYKTHUV-LZ[P]HS[LT[HTItT[YHaPKV]mYPVZJVU]PKHKVZH 3PZIVHJVTVVZYLHSPaHKVYLZMark Burton e Richard Starzak (A Ovelha Choné), Nick Park (A Idade da Pedra), e os animadores portugueses Emanuel Nevado e Sara Barbas,Z[HLKPsqVKVMLZ[P]HS]HPJVU[HYJVTH presença de Peter Lord, co-fundador da Aardman e presidente dos Emilie Awards VZ WYtTPVZ L\YVWL\Z WHYH V JPULTH KL HUPTHsqV KVZ X\HPZ H MonstratWHYJLPYH

passatempo Ficaste com a pulga atrás da orelha? A Mais Educativa é uma dos parceiros da Monstra e vai oferecer bilhetes para a edição de 2019, que se realiza entre 20 e 31 de março. Fica atento! Consulta toda a informação no nosso site em www.maiseducativa.com/artigos/passatempos-a-decorrer/ ou no nosso Instagram (@mais_educativa)!

tá patente Esta exposição es ioneta no Museu da Mar abril. até ao dia 21 de


Aprende, diverte-te, descobre o mundo e prepara o teu futuro.

nto Desco até arço m e d 21

CURSOS DE INGLÊS NO VERÃO 10-17 anos Grupos de jovens com acompanhamento

CURSOS DE INGLÊS Inglaterra, Escócia, Irlanda, Malta, EUA e Canadá.

info@studytours.pt 218 493 552 913 536 451

www.studytours.pt


48

ser decojovem TEXTO: Decojovem FOTO: AdobeStock

NET VIVA E SEGURA Navega em Boas Marés! Na 2ª edição da NET Viva e Segura, a DECOJovem e a Google querem promover uma maior segurança na forma como te relacionas na Internet e sensibilizar para a importância de protegeres a tua privacidade nas redes sociais. Queremos ajudar-te a navegar em boas marés! A NET VIVA E SEGURA é uma iniciativa nacional que convida a comunidade educativa a produzir vídeos que demonstrem a importância de participar nas redes sociais em segurança e com respeito pela privacidade, em três categorias: • Partilha com cuidado • Ligações seguras • Cortesia não é uma fantasia Quem pode participar? Se te preocupas com a privacidade, as partilhas nas redes sociais e com a falta de cortesia, faz um vídeo e partilha nas tuas redes – pode ser que ajudes alguém e ainda poderás ganhar prémios! Todos os jovens com idades compreendidas entre os 15 e 22 anos, a frequentar escolas do ensino regular, profissional, vocacional e ensino aprendizagem, de Portugal Continental e Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores das escolas DECOJovem podem participar! Como participar? Devem ser constituídas equipas compostas por 3 alunos do mesmo nível de ensino e por um professor, que ficará responsável pelo acompanhamento da equipa. A mesma equipa poderá apresentar mais do que um vídeo, desde que em categorias diferentes. Depois de teres a tua equipa formada, basta escolherem um tema que consideram importante para informar e sensibilizar os vossos amigos!

Prémios!

Cada categoria tem 3 prémios, o que significa que, no total, temos três primeiros lugares, três segundos lugares e três terceiros lugares, cada um dos quais associado à sua categoria de submissão dos vídeos: • 1º LUGAR em cada categoria: Tablet Pixel + Caderno + Mochila • 2º LUGAR em cada categoria: Pack Google Chromecast + Caderno + Mochila • 3º LUGAR em cada categoria: Pack Google Chromecast + Caderno + Mochila Sabe mais em www.deco.proteste.pt/netvivaesegura

A DECOJovem é um projeto da DECO – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor criado a pensar nos jovens consumidores.

5 www.decojovem.pt f DECOJovemConsumidoresParaoFuturo T DECOJovem /decojovem

março 2019

maiseducativa.com


PUB







 

PUB

PUB




50

instagram mais_educativa

Segue a Mais Educativa e ganha prémios fantásticos.

Procura ainda o curso que é perfeito para o teu futuro e muito mais!

março 2018

maiseducativa.com


52

quebra-cabeças

#sopa de letras

#secas O que é um pontinho amarelo no Céu? É o super-tremoço! Qual é o antónimo de Skate? Molhei-te! O que diz uma zebra para uma mosca? Tu estás na minha lista negra. Em que parte é que as galinhas têm mais penas? Na parte de fora! Qual o cão que adivinha o futuro? É o cãoguru. Qual a única maneira do Peter Pan perder uma batalha? Levar um murro de gancho. Quem é a namorada do Robin dos Bosques? Vanessa da Mata. Uma lula e um pargo caminham calmamente pela rua, quando o pargo bate com a cauda na cabeça da lula. Diz a lula: - Então? Estás pargo ou quê? - Calula! Para que serve um Fiat Panda? Serve pandar. Um médico inventou um remédio que cura dores de cabeça antes delas HJVU[LJLYLT8\HStVÄSTL& – O extermina-a-dor do futuro!

março 2019

maiseducativa.com


PUB

#Umaescolaumfuturo

Se tens entre 15 e 19 anos não percas esta oportunidade!

BAR

RESTAURANTE

COZINHA

INSCREVE-TE JÁ!!!

FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE NÍVEL IV (Duração de 3 anos, equivalente ao 12º ano de escolaridade)

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O ANO LETIVO 2019/2020

Acompanhamento Individualizado Formação Técnica Eficiente Ensino de Qualidade e Eficácia Elevada Empregabilidade

1

23/01/19

10:57

PUB

Rua do Melo, nº 5 | PORTO | TLF: 228304887 AFH_Moche_Telepizza_Imprensa_198x142.pdf www.epidh.pt | secretaria@epidh.pt

PASTELARIA

COM

TELEPIZZA

40% DESCONTO Não é para quem pode. É para quem quer.

moche.pt


54

quebra-cabeรงas

#diferenรงas

descobre as 7 diferenรงas

marรงo 2019

maiseducativa.com


PUBLICIDADE 05/2017


Profile for Young Direct Media

MAIS EDUCATIVA_MARÇO'19  

A Mais Educativa deste mês falou com quatro promessas da música nacional: eles são Mishlawi, ProfJam, Supa Squad e 11Lit3s. Estás ansioso p...

MAIS EDUCATIVA_MARÇO'19  

A Mais Educativa deste mês falou com quatro promessas da música nacional: eles são Mishlawi, ProfJam, Supa Squad e 11Lit3s. Estás ansioso p...