Page 25

Terceira edição da Sul Metal & Mineração acontece de 26 a 29 de junho em Criciúma O maior evento do Sul do Brasil na área de metalmecânica, mineração e construção civil promete movimentar R$ 90 milhões em negócios, o dobro do número gerado na edição de 2010. Essa é a expectativa do presidente do evento e do Sindimetal, Guido José Búrigo. “Temos grandes nomes como empresas âncoras. A rodada de negócios será um sucesso”, espera. A Feira Sul Metal e Mineração 2012 acontece de 26 a 29 de junho, sempre das 16 às 22 horas, no Pavilhão de Exposições José Ijair Conti, em Criciúma, contando também com a participação de micros e pequenas empresas. Para Fabiola Taraskevicius, coordenadora do evento, essa é a grande oportunidade para empresas dos setores mostrarem o que têm de melhor. “Esta é a hora de mostrar qualidade e diferencial. Todos estarão focados em um mesmo objetivo, e novas parcerias deverão ser formadas”. A Feira também terá palestras sobre inovações a programação no quadro ao lado. Os visitantes do evento também pradores, representantes, engenheiros, gerentes, diretores e executivos dos setores metalmecânico, mineração e construção. Para manter o foco e sucesso da Feira, há necessidade de cadastramento online para os visitantes, individual e gratuito, no site www. sulmetalmineracao.com.br. A entrada para menores de 16 anos é proibida. A III Feira Sul Metal & Mineração e I Feira Nacional de Equipamentos e Tecnologia para a Construção contará

com 200 expositores regionais, estaduais e nacionais. Desses, vinte espaços são destinados a micro e pequenas empresas, que contaram com o subsídio do Sebrae SC para participar. O evento acontece de dois em dois anos. A cidade, localizada a 190 km de Florianópolis e 300 km de Porto Alegre, é um ótimo destino para o turismo de negócios, com toda a infraestrutura necessária, como rede hoteleira e gastronômica, Aeroporto Diomício Freitas (Forquilhinha), e pavilhão de 8 mil metros quadrados de área de exposição.

Rodada de negócios Um dos atrativos da Sul Metal e Mineração 2012 é a Rodada de Negócios para expositores e potenciais compradores da Feira. Entre as vantagens da rodada estão a oportunidade de realização rápida de negócios conhecimento de mercados potenciais, troca de informações, possibilidade de contato direto com grandes empresas e redes e aumento do volume de vendas. Segundo a organização do evento, a expectativa é de cerca de dez compradores e mais de 150 oportunidades de negócios. Para participar, os expositores da inscrição. Será efetuado cruzamento da oferta e demanda e geração de uma nidos. “Pequenas e micro empresas terão a oportunidade de mostrar seus serviços e produtos a grandes empresas. Essa é uma grande oportunidade para

pradores e fornecedores terão entre 20 e 30 minutos para o encaminhamento das negociações e possível fechamento do negócio. Segundo Spyros Diamantaras, gerente do Sebrae, o empresas compradoras, chamadas de de vendedores e produtos que necessitam. “A rodada é um instrumento de aproximação. O fechamento do negócio pode acabar acontecendo sim, mas muitas empresas veem em busca de novos fornecedores para ampliar suas possibilidades de compra. A responsabilidade maior é do pequeno e micro empresário, que precisa mostrar sua competência e qualidade dos produtos e serviços”.

Programação: Dia 26

Dia 27

Dia 28 te", com Paulo Silva Sobrinho, coordenador

rolamentos", de responsabilidade de Marcelo

Dia 29

tos”, comenta Fabiola Taraskevicius. Na rodada, os encontros entre com25

Acic_edicao 34.indd 25

8/6/2012 10:20:14

Revista ACIC 34  

Revista ACIC Criciúma 34