Page 1

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Jornal

Edição 016

Vale Verde

“ O Jornalismo Levado a Sério”

Exportações do agronegócio voltam a crescer.Clima prejudica colheita da mandioca. Demanda maior puxa preço do milho. Pág: 6

Pág:2

Prefeito e vice de Nova Bandeirantes são cassados por cometerem crimes eleitorais em 2016 Governo propõe salário mínimo de R$ 1.002 para o próximo ano Pág:4

Pág: 3

Vacina feita no Brasil eliminou câncer de pele em cobaias, diz estudo

Mato Grosso tem 42 casos suspeitos de influenza e 8 mortes,diz secretaria Pág: 5

Pág:2

Investimento: Lago de Paranaíta ilustra nova entrada do município


Pág.2

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Jornal Vale Verde

www.valeverdecomunicacao.com.br

Investimento: Lago de Paranaíta ilustra nova entrada do município O município de Paranaíta continua investindo alto em sua ?porta de entrada? aos visitantes. Mas o chefe do executivo, em bate papo informal com a redação do Jornal da Cidade de Alta Floresta, disse que quer mais. ?Quero ver Paranaíta continuar crescendo, se tornar ainda este ano um canteiro de obras?, anuncia o gestor apontando a Avenida Roosvelt, que tem 1400 metros de extensão como uma prioridade. ?São 2800 metros de asfalto a fazer, já que é uma via dupla. Mas tem ainda a iluminação, superpostes, jardinagem e toda a estrutura necessária?, assegurou o administrador lembrando ainda o trevo ? que vai enriquecer ainda mais nossa entrada da cidade?, completou.

O município de Paranaíta continua investindo alto em sua ?porta de entrada? aos visitantes. Um ponto que já se tornou cartão postal e conhecido nacionalmente é o Lago Municipal, um local feito pela administração de Tony Rufatto e passou a ser um dos locais mais escolhidos para fotos e vídeos, além de realização de eventos. Um evento foi o Reveillon 2018 ou a festa da virada de ano que atraiu pessoas de vários municípios.

?Faremos todos os esforços para terminar este ano. Mas se não acabar, no máximo até meados do ano que vem concluímos. Porém, ainda tem outros pontos como o Setor da Piscina e a Avenida na entrada do cemitério. Já compramos equipamentos para fazer tudo, mas tem a questão da burocracia para a licitação de especializações, mas vamos fazer?, garantiu o chefe do executivo de Paranaíta. Fonte: Taques reforça união com parlamentares e libera R$ 29 mi em emendas em 1 ano

Prefeito e vice de Nova Bandeirantes são cassados por cometerem crimes eleitorais em 2016 A decisão foi proferida pelo juiz Bruno César Singulani França, da 50ª Zona Eleitoral Foram apontadas nove irregularidades que teriam sido cometida por ambos no período eleitoral.Entre elas; a ausência na entrega das prestações de contas parciais de campanha; existência de dívida de campanha, no valor de R$ 7.583,79, cuja concordância do credor em receber do órgão partidário teria sido firmada por pessoa sem legitimidade para tal; ausência de assinatura no recibo de doação de serviços por Airton de Souza;material de campanha produzido por empresa sem maquinário próprio para confecção de materiais gráficos e com inconsistência no CNPJ.

O prefeito de Nova Bandeirantes, Valdir Pereira e o vice Jeremias Menezes tiveram os mandatos cassados pela justiça, nesta quartafeira (11). Eles são acusados de fraude, de abuso do poder econômico e de captação e gastos ilícitos para fins eleitorais, na campanha eleitoral de 2016. A decisão foi proferida pelo juiz Bruno César Singulani França, da 50ª Zona Eleitoral, com sede em Nova Monte Verde. A Ação de Impugnação de mandato eletivo foi promovida pela Coligação ?Renova Bandeirantes?,formada pelos partidos PSDB, PT, PMDB e PR, e por João Rogério de Souza, candidato a prefeito do município nas eleições 2016.

Porém, os crimes listados na justiça não pararam por aí. Também teve a omissão de gastos com 2000 impressos produzidos pela gráfica Christian Andre Carvalho dos Santos; gastos com combustível incompatível com a campanha realizada; doação acima do limite realizada por Thiago Pereira dos Santos (gastos com pesquisa e divulgação); juntada de recibos falsos de doação de veículo nos autos das prestações de contas eleitorais e emissão de recibo falso de doação de serviços supostamente prestados por Diego Dias da Silva, bem como pagamentos realizados a serviços não declarados em sede de prestação de contas, a apontar a existência de ?caixa 2? de campanha. Fonte: Muvuca Popular / Larissa Malheiros


Jornal

“ O Jornalismo Levado a Sério”

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Pág.3

Vale Verde

www.valeverdecomunicacao.com.br

Vacina feita no Brasil eliminou câncer de pele em cobaias, diz estudo Pesquisadores conseguiram eliminar tumores de camundongos.Testes agora devem seguir por ao menos mais oito anos, e cientistas já miram outros tipos de câncer. tumores e animais submetidos a terapia têm o sistema imune estimulado para erradicar o câncer", diz o pesquisador. Eles também já trabalham para desenvolver a vacina que funcione com outros tipos de câncer: "Além do modelo de melanoma também estamos investigando outros modelos que utilizam células derivadas de câncer de mama e câncer de próstata. O câncer é uma doença multifatorial que apresenta características que podem variar entre indivíduos, por esse motivo pacientes podem responder de forma diferente aos tratamentos".

No futuro

Pesquisadores brasileiros desenvolveram uma vacina contra o câncer e obtiveram bons resultados nos testes realizados em camundongos. O resultado foi publicado na revista científica "Frontiers of Immunology". A vacina usa células tumorais do próprio indivíduo que receberá o tratamento e secreta citocina GM-CSF, que estimula a proliferação e a maturação de diferentes tipos de células de defesa, para evitar que as células tumorais se multipliquem descontroladamente no organismo.

Nas próximas etapas no estudo, a vacina será testada em tecido humano proveniente de amostras clínicas de pacientes removidas em cirurgias para avaliar o desempenho in vitro. Se esta etapa for bem sucedida, os cientistas planejam fazer ensaios no que chamam de "animais humanizados", simulando os efeitos no corpo humano. O trabalho vem sendo conduzido no Laboratório Nacional de Biociências (LNBio), do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), durante o doutorado de Andrea Johanna Manrique Rincón, sob a coordenação do pesquisador Marcio Chaim Bajgelman. Fonte: g1

"A vacina consiste em modificar células tumorais para que produzam imunomoduladores. Estes imunomoduladores estimulam as células de defesa do organismo a identificar e eliminar o câncer", disse o pesquisador Marcio Chaim Bajgelman, que coordena o estudo no Laboratório Nacional de Biociências, no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM).

Expediente Jornal Vale Verde

Nova Monte Verde - MT

Os pesquisadores testaram diferentes combinações de células tumorais geneticamente modificadas para desenvolver a vacina, que foi aplicada em camundongos com câncer de pele. Os resultados foram positivos.

Por que o câncer de pele? Para o estudo, os pesquisadores injetaram as células tumorais de um melanoma altamente agressivo nos animais. A ideia era colocar os animais em uma situação semelhante ao que acontece com humanos, em que o tumor se desenvolve a partir de células próprias e o sistema imunológico age nestas células. O resultado mostrou que o sistema imunológico daqueles que tinham recebido a vacina conseguiu responder ao câncer. Em alguns animais, o tumor foi eliminado completamente. "Sendo assim, animais que não recebem a terapia desenvolvem

“ O Jornalismo Levado a Serio”

JORNAL VALE VERDE EIRELE - ME CNPJ: 27.553.740/0001-01

Diretor Executivo / Comercial Rômulo Luiz DRT: 1.740/MT (66)3597-1791 / 98414-3738 99670-2829

www.valeverdecomunicacao.com.br E-mail: jornalvaleverde.nmv@hotmail.com

Municípios: Nova Monte Verde, Nova Bandeirantes, Apiacás, Paranaíta e Alta Floresta.

Diagramação Juliana F. Lima Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores.


Jornal

“ O Jornalismo Levado a Sério”

www.valeverdecomunicacao.com.br

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Pág.4

Vale Verde

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.002 para o próximo ano ano anterior medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) de dois anos anteriores. Em 2017, o PIB cresceu 1%. Para a estimativa de inflação, o governo considerou a previsão de 4% para o índice de inflação que consta do Boletim Focus, pesquisa com mais de 100 instituições financeiras divulgada toda semana pelo Banco Central.

Pela primeira vez, o valor do salário mínimo ultrapassará R$ 1 mil. O governo propôs salário mínimo de R$ 1.002 para o próximo ano, o que representa alta de 5% em relação ao atual (R$ 954). O valor consta do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, apresentado hoje (12) pelos ministros do Planejamento, Esteves Colnago, e da Fazenda, Eduardo Guardia. Em 2019, a fórmula atual de reajuste será aplicada pela última vez. Pela regra, o mínimo deve ser corrigido pela inflação do

A LDO define os parâmetros e as metas fiscais para a elaboração do Orçamento do ano seguinte. Pela legislação, o governo deve enviar o projeto até 15 de abril de cada ano. Caso o Congresso não consiga aprovar a LDO até o fim do semestre, o projeto passa a trancar a pauta. Fonte: Agência Brasil


Jornal

“ O Jornalismo Levado a Sério”

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Pág.5

Vale Verde

www.valeverdecomunicacao.com.br

Mato Grosso tem 42 casos suspeitos de influenza e 8 mortes, diz secretaria evoluir para a influenza, para que procure imediatamente a unidade de saúde municipal mais próxima, para ser tratado e receber medicamento pelo SUS.

Vacinação O Ministério da Saúde deverá realizar campanha nacional de vacinação a partir do dia 23 de abril, com o dia D no dia 12 de maio. As vacinas somente estarão disponíveis a partir do dia 23 deste mês. A vacinação terá como público prioritário os idosos, crianças com até cinco anos de idade, gestantes e profissionais da saúde e da educação. A vacina é aplicada em dose única e combate três vírus diferentes da gripe influenza e previne a doença.

Quarenta e dois casos suspeitos de influenza foram notificados em Mato Grosso. O balanço foi divulgado nessa terça-feira (10) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Existe um protocolo de tratamento que deve ser seguido pelos profissionais de saúde que é o mesmo para a influenza do tipo H1N1, H2N3 e Influenza B.

Transmissão De acordo com o levantamento, desse total, estão em acompanhamento e sob a investigação 21 casos suspeitos de gripe influenza com o vírus H3N2, que já circulou nos Estados Unidos e agora está no Brasil. Das 42 notificações, oito pessoas morreram, sendo que um dos óbitos foi causado pelo vírus H1N1 em Cuiabá. Ainda segundo a SES, esses casos suspeitos e que estão sendo investigados são de pessoas que faleceram entre o fim do mês de março e o início de abril, dos quais um caso com morte registrada em Tangará da Serra, cinco casos em Cuiabá, um em Juína e um em Várzea Grande.

De acordo com informação da Vigilância Epidemiológica a transmissão dos vírus influenza se dá por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também acontece por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

Um paciente de Colniza foi transferido para Cuiabá e apresenta sintomas da doença e está com quadro de saúde de melhora. A Vigilância Epidemiológica já confirmou 18 casos por influenza e 13 pacientes evoluíram para a cura e já receberam alta médica. Entre os casos confirmados estão dois pacientes que apresentam um quadro de evolução para cura que estão internados em um hospital particular de Cuiabá. São dois irmãos, sendo que o hospital já confirmou o diagnóstico de influenza. Cuiabá tem o maior número de casos, com 19 pacientes e Várzea Grande notificou 4 casos. A SES alerta à população para que ao primeiro sintoma de gripe ou de um quadro de síndrome respiratória aguda grave e que podem

O Ministério da Saúde orienta a população a adotar cuidados simples para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas. Fonte: G1MT


Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Jornal

Pág.6

“ O Jornalismo Levado a Sério”

www.valeverdecomunicacao.com.br

Vale Verde

Exportações do agronegócio voltam a crescer. Clima prejudica colheita da mandioca. Demanda maior puxa preço do milho Exportações do agronegócio voltam a crescer. O Brasil exportou, no mês passado, pouco mais de nove bilhões de dólares em produtos agrícolas. O número, divulgado pelo Governo, é quatro por cento maior que no mesmo período do ano passado. Destaque para a soja, que respondeu, sozinha, por quase metade das vendas. Em segundo lugar aparecem as carnes, seguidas pelos itens florestais e do setor sucroalcooleiro. Clima prejudica colheita da mandioca. A chuva dos últimos dias prejudicou a colheita da mandioca em várias regiões produtoras. Isso, somado ao fato de que há poucas lavouras de segundo ciclo, derrubou a oferta num momento em que a procura aumenta. Dados do Cepea apontam para alta de 26 por cento no volume processado pela indústria, até agora, em abril, para 39 mil toneladas. Enquanto o preço de cada uma delas, nos últimos dias, avançou para 527 reais. Demanda maior puxa preço do milho. E o milho é outro produto valorizado, neste momento. No fechamento da semana passada, o indicador Esalq/BM&FBovespa ficou em 41 reais a saca de 60 quilos, na região de Campinas. Alta de dois e meio por cento. Santa Catarina e Rio Grande do Sul também registraram aumentos, até porque muita gente correu atrás de repor estoques. Com o clima favorável às lavouras de segunda safra, a previsão para o futuro é de uma oferta maior. Fonte: R2

Piada

Caça palavras


Jornal “ O Jornalismo Levado a Sério”

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Pág.7

Vale Verde

Ex-secretário vê rejeição de Taques "normal" e prevê campanha de comparações Max Russi afirma que tempo de TV será importante para governador mostrar realizações Segundo Max, além do apoio de lideranças, a ampliação do número de partidos na coligação é importante para aumentar o tempo de propaganda no rádio e TV. Russi considera que o horário eleitoral e as inserções serão importantes para o governador se defender dos ataques que sofrer e “comparar” os serviços prestados em sua gestão.

O deputado estadual Max Russi (PSB), ex-secretário da Casa Civil até o início do mês, avalia que a reeleição do governador Pedro Taques (PSDB) é plenamente viável, apesar da alta rejeição nas pesquisas eleitorais. Segundo ele, a situação do tucano “não é diferente de outros governadores do Brasil”. “Eu tenho analisado algumas pesquisas em outros estados. Em quase todos, os governadores têm alto índice de rejeição da população. Não há nenhum governador que esteja com mais de 25% de aprovação por parte do eleitorado”, avaliou o socialista em entrevista a Rádio Capital FM. Russi, que assumiu a direção do PSB em Mato Grosso, garantiu o partido na aliança em torno do tucano. O objetivo, segundo ele, é ampliar o diálogo com os partidos em busca de formar uma grande coligação para o projeto de reeleição. Hoje, Taques tem apoio do PSDB, PPS, PSB, Solidariedade e Patriotas. Entre os “alvos” estão o DEM, PP e PRB. Segundo o deputado, a oferta de cargos na majoritária – vice, duas vagas ao Senado e suplência - é uma das “estratégias” para atrair aliados. “Estão se construindo campanhas de oposição, mas o governador está articulando apoio para a reeleição. O DEM é nosso interesse. O PP trabalha uma linha de oposição, mas tem bons nomes lá. O PRB tem Adilton Sachetti”, detalhou.

“É lógico que o tempo de TV será muito importante na campanha política. Todas as outras candidaturas que se apresentam vão falar contra o governador, mas também terão de fazer a comparação com os outros candidatos, o que os outros candidatos são, o que fizeram, o que não fizeram. Então acredito que não será uma campanha apenas de ataque ao atual governo”, acredita. PSB Sobre o PSB, partido que assumiu o comando no Estado, Max prevê grande crescimento em nível estadual e nacional. Segundo ele, o partido será impulsionado por conta da candidatura a presidência da República, do ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, que se filiou a sigla na última semana. “Com certeza vai ajudar. É um quadro novo no processo eleitoral que o PSB ganha muito com isso”. ILÍDIO LUCIANO Da Redação


Jornal “ O Jornalismo Levado a Sério”

Região Norte do Mato Grosso Abril/ 2018 2ª quinzena

Edição 016

Vale Verde

Família faz campanha para tratamento nos EUA de criança que se afogou O tratamento de oxigenoterapia hiperbárica deverá ser realizado em Nova Orleans com o especialista em medicina hiperbárica Paul Harch, da Escola de Medicina LSU. A família já entrou em contato com o especialista, que afirmou receber a criança brasileira para o tratamento. Divulgação

A família do menino Jether Emanoel, 3, iniciou uma campanha na internet para arrecadar R$ 200 mil para que o garoto possa fazer um tratamento de oxigenoterapia nos Estados Unidos. Ele foi vítima de um afogamento há 1 ano e desde então está internado na Ala Pediátrica no ProntoSocorro de Cuiabá. Divulgação Família faz campanha para tratamento Jether Emanoel sofreu um acidente de afogamento na piscina do Centro de Tradições Gaúchas de Alta Floresta (802 Km de Cuiabá) em maio do ano passado. Após ficar minutos submerso na piscina, a criança foi reanimada e transferida para a capital. Atualmente, ele respira através de traqueostomia e tem movimentos limitados. De acordo com a mãe da criança, Selma Lopes, a família não tem condições de bancar o tratamento e está mobilizando todos os conhecidos a ajudar na arrecadação do valor de R$ 200 mil a ser destinado para o tratamento de oxigenoterapia. “Sou manicure, tenho mais dois filhos em casa e meu marido fica a maior parte do tempo em Cuiabá acompanhando nosso Jether. Foi através de pesquisas pela internet que descobri o tratamento das Câmeras Hiperbáricas e vi casos com comprovação de resultados. Com fé em Deus o Jether vai melhorar”, disse.

Jether Emanoel tem 3 anos de idade Segundo Selma Lopes, o que motivou a família a querer levar o menino para os Estados Unidos foi o caso de sucesso de uma criança americana de dois anos, identificada como Eden Carlson, que quase morreu afogada. Ela, porém, teve grandes avanços na recuperação com o tratamento. A menina chegou a ter danos cerebrais revertidos graças à oxigenoterapia hiperbárica, de acordo com as pesquisas feitas por Selma. Como ajudar - Para arrecadar o valor necessário para realizar o tratamento, a família está vendendo seus bens materiais e mobilizando a sociedade para somar nesta luta pela recuperação do menino. Para isso, foi criada uma Vaquinha Virtual, onde os interessados podem realizar depósitos de qualquer valor. Além disso, os depósitos também podem ser realizados na Conta Poupança da Caixa da família - Agência 1385, Conta 0005 2554-4. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato direto com a família pelos telefones (66) 99205-4142 ou (66) 9 9662-4289. Fonte: GD

Jornal vale verde abril 2018 2ª quinzena 16ª edição  

JORNAL VALE VERDE - ABRIL 2018 2ª QUINZENA 16ª EDIÇÃO

Jornal vale verde abril 2018 2ª quinzena 16ª edição  

JORNAL VALE VERDE - ABRIL 2018 2ª QUINZENA 16ª EDIÇÃO

Advertisement