Page 1

IPV- Escola Superior de Educação de Viseu RAI - Recuperação e Avaliação da Informação

História da Publicidade

Trabalho realizado por: Carina Fernandes nº 10712

Publicidade e Relações Públicas

Odília Oliveira nº 10741 Patrícia Almeida nº 10736 Tatiana Ventura nº 10728


O que é a Publicidade? A Publicidade é uma ferramenta de comunicação que pode ser utilizada por diversos tipos de instituições; ela tem por objetivo informar determinados públicos-alvo dos produtos e serviços disponíveis e despertar neles a vontade de adquiri-lo.

A publicidade, num sentido mais amplo, é

um

componente

da

chamada técnica de mercado, pois é um dos elementos que forma o mix de comunicação.


Num sentido ainda mais específico, a publicidade

é

de comunicação impessoal

uma

forma de

longo

alcance.

Ela procura informar, mostrar e relembrar um produto ou serviço ao público em geral e, na maior parte

das

vezes,

persuadi-lo,

estimulando ou motivando-o a fazer uma compra, um consumo ou uso.


Quando

nasceu a publicidade?

Vários autores concordam que o primeiro anúncio tem quase três mil anos de idade.

A primeira etapa da publicidade, prolongou-se até à Idade Média e Acredita-se que a atividade publicitária teve início na

evidenciava-se nos serviços dos

Antiguidade Clássica, pois foi lá que se encontraram

mercadores e comerciantes, que,

os primeiros vestígios da mesma. Foram encontradas

através

tabuletas na Pompeia que anunciavam combates de

procuravam mostrar ao público a

gladiadores e faziam referência às diversas casas de

sua mercadoria.

banho existentes na cidade.

de

gritos

e

gestos,


Atualmente a publicidade utiliza símbolos e, foi com base neste período que eles surgiram pois, naquele tempo as casas não possuíam número e as ruas não eram identificadas. Surgiu então a imprensa mecânica, inventada por Gutenberg, no século XV, que vem marcar uma etapa importante da publicidade. Começou a utilizar-se papel, o que trouxe grandes progressos aos meios de comunicação, pois, mesmo antes de começarem a ser produzidos/imprimidos livros, já tinham surgido os primeiros panfletos.


Em 1625 surgiu o primeiro anúncio publicitário num jornal inglês designado “Mercurius Britannicus”; este anúncio apelava a um livro. Nesta nova etapa, criou-se, entretanto, uma nova forma de negócio para o jornal que, até ao momento, sobrevivia apenas com venda de assinaturas.

Na era industrial, com a produção em massa e a consequente necessidade de escoar os bens produzidos, a técnica publicitária foi-se aperfeiçoando e é nesta época que ela passa a ser mais persuasiva, perdendo, praticamente, todo o seu sentido, até à época, unicamente, informativo.


Evolução da publicidade em Portugal A evolução da publicidade em Portugal distingue-se em 5 fases essenciais: A primeira fase caracteriza-se por

A terceira fase

serem

da

advento da publicidade. Em 1957 surgiu

publicidade em Portugal com o

a televisão e a publicidade ganhou um

aparecimento a Agência Hora em

novo impulso. As publicidades na época

1927.

tinham por objetivo alterar os hábitos de

os

primeiros

passos

caracteriza-se pelo

consumo da população portuguesa. A segunda fase decorre nos anos 40 e 50. Até esta época os jornais eram os principais meios de divulgação das publicidades. Nos anos 40 surgiram os primeiros “jingles publicitários”.


A quarta fase é considerada como “os anos de travessia do deserto”. O deserto não oferece as condições indicadas para se sobreviver tal como esta época o foi da mesma forma para a publicidade.

A quinta e última fase, muito contrária à fase anterior, esta carateriza-se por serem “os anos de

ouro

da

publicidade”.

Aconteceu no séc. XX nos anos 80 quando Portugal entrou para a CEE (Comunidade Económica Europeia).


Publicidade no mundo As primeiras mensagens comerciais e campanhas políticas foram encontradas nas ruínas da antiga Arábia. Os egípcios usavam papiros para criar mensagens de venda e cartazes, enquanto o conhecido flyer de hoje podia ser facilmente encontrado na antiga Grécia e em Roma. Com a expansão da economia durante o século XIX, podemos verificar uma evolução nas publicidades. Nos Estados Unidos, os classificados tornaram-se bem conhecidos pois ocupavam muitas páginas de jornais com pequenos anúncios de itens variados. Em 1841 a primeira Agência de Publicidade e Propaganda foi criada por Volney Palmer em Boston. A primeira propaganda norte-americana com apelo sexual foi criada por uma mulher, Helen Lansdowne Resor, para anunciar o Woodbury’s Facial Soap.


História da coca-cola Origem da coca-cola No séc. XIX os medicamentos patenteados eram os que tinham maior visibilidade pois eram os que mais investiam em publicidade. Uma das marcas espalhafatosas e invulgares criadas nesta época foi a coca-cola. Foi criada por um farmacêutico falhado. “Assim, a coca-cola foi uma de entre as muitas centenas de preparações (...) anunciadas

com

entusiasmo,

e

exagero, num mundo competitivo e barulhento.” (Olins, 2003) Na década de 90, no século XIX a coca-cola deixou de anunciar que curava enxaquecas e passou apenas a salientar, o quão deliciosa era e o quão refrescante era.


Evolução da Coca-cola Hilda Clark

Publicidade da Coca-Cola depois do seu fracasso como medicamento

Primeira publicidade da Coca-Cola com recurso a uma mulher

Publicidade da Coca-Cola em 1930 com o Pai-Natal


Até 1970 a bebida costumava ser tomada em locais públicos onde as pessoas tinham oportunidade de socializar.

Publicidade à Coca-Cola light 1980

Nesta década surgiu também a “new

coke”,

mas

embora

os

resultados dos testes tenham sido positivos, quando saiu no mercado foi um autêntico fracasso junto dos Publicidade Coca-Cola "It´s the real thing. Coke."

consumidores.


De 2000 até ao presente todas as campanhas da marca têm-se focado o otimismo e o positivismo, de modo encorajar as pessoas e a fazê-las ver o mundo ás cores, centrando-se toda a sua imagem em torno da felicidade.

Um dos maiores empreendimentos da coca-cola é a máquina da felicidade, tentando encorajar e cultivar o bemestar e o positivismo.

A empresa tem expandido a nível mundial para os locais de maior alcance, oferecendo 500 marcas e produtos para o mundo e continua a servir mais de 1,7 bilhão de doses em um dia.

Publicidade Coca-Cola "Live on the coke side of life"

Final rai  
Final rai  
Advertisement