Issuu on Google+


������

Desenvolver, por meio da simulação de fóruns diplomáticos multilaterais, um projeto educacional complementar ao ensino em sala de aula. Promover a aquisição de conhecimentos, habilidades e valores e o desenvolvimento das capacidades intelectuais e interpessoais de todos os seus participantes.


���������

���������

Modelos são conferências realizadas a fim de simular as negociações e processos decisórios do sistema das Nações Unidas e de outros fóruns multilaterais de negociação. Os conferencistas atuam como Chefes de Estado ou como representantes dos diversos atores internacionais e debatem problemáticas da agenda internacional orientados pelos interesses das instituições representadas.


��������� Desde 2002, estudantes voluntários de diversos cursos da

��������������

�����

Universidade de Brasília organizam anualmente a Simulação das Nações Unidas para Secundaristas (SINUS), que abrange a cada edição aproximadamente quinhentos alunos de Ensino Médio de escolas públicas e particulares. O êxito alcançado pelas seis edições já realizadas permitiu a essa iniciativa uma forte projeção nacional e a tornou referência na área de simulações de Organismos Internacionais para o Ensino Médio. Estudantes de todas as regiões do Brasil comparecem à conferência, atraídos pela forte tradição acadêmica e seriedade profissional do projeto.


��������� A SINUS objetiva fornecer princípios fundamentais para o crescimento pessoal, social, acadêmico e profissional de todos os envolvidos no projeto por intermédio de três pilares: ��������������������������

��������������

�����

Os estudantes adquirem conhecimento através da preparação individual realizada para a conferência. Eles aprendem sobre os tópicos da pauta das relações internacionais, a história e a cultura de países, bem como o sistema das Nações Unidas. ������������������������������� Os conferencistas têm a oportunidade de aprimorar habilidades importantes, dentre elas a oratória, os métodos de pesquisa, a escrita, a comunicação, o trabalho em equipe, as técnicas de negociação, os processos decisórios e a produção de documentos oficiais. ������������������ Os participantes entram em contato com os valores e propósitos das Nações Unidas, dentre os quais a tolerância e a cooperação, além do respeito aos direitos humanos e às liberdades fundamentais. Sob a luz desse tripé a SINUS é tida como uma atividade educacional que visa a ampliar o conhecimento dos jovens acerca da realidade global, estimular uma postura mais responsável e crítica com relação aos temas da agenda internacional e formar cidadãos participativos e conscientes.


����������������������������������

����� ����

A UNESCO (Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura) propõe que educação esteja apoiada em quatro pilares: aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a ser 1 . Inspirada em tais propósitos, a SINUS crê na necessidade de diversificação das estruturas de ensino, de modo que estas não fiquem limitadas aos conteúdos formais ministrados. Assim, ao longo do evento, os conferencistas são preparados também para a vida cidadã, sendo a SINUS um instrumento promotor da construção de um mundo melhor.

1

Ver Relatório para a UNESCO da Comissão Internacional sobre educação para o século XXI.


����������

����� ����

Para fomentar os debates da conferência, graduandos da Universidade de Brasília, que contam com o apoio dos professores do Instituto de Relações Internacionais, realizarão uma detalhada pesquisa sobre os temas apresentados nos comitês. Dessa forma, os anais da conferência orientarão os alunos do Ensino Médio no aprofundamento dos assuntos abordados. A SINUS 2008 tem como desafio trazer tópicos similares a diferentes comitês, com destaque para questões concernentes a sustentabilidade energética, aos direitos trabalhistas na economia globalizada e à segurança internacional. Organismos Internacionais

Tópicos

Conselho de Direitos Humanos

Sistemas Contemporâneos de Escravidão

Unrepresented Nations and People Organization General Assembly (UNPO)

Minority’s Labor Rights.

Organização Internacional do Trabalho

O Direito de Organização Sindical na Era da Globalização

Organização Mundial de Comércio

Direitos trabalhistas e seus impactos na economia internacional

Comissão de Desenvolvimento Sustentável

Uso sustentável da energia do carbono

Conselho de Ministros da União Européia

Eficiência Energética: uma Política Européia

Organização Mundial de Saúde

Saúde do Trabalhador

Liga dos Estados Árabes

O Conflito Civil Palestino

United Nations Security Council

The Falklands Crisis (1982)

Comitê de Desarmamento e Segurança Internacional - 1ª Comissão da Assembléia Geral

Em Direção a um Mundo Livre de Armas Nucleares Tópico I: Criação de uma Zona Livre de Armas Nucleares no Oriente Médio; Tópico II: Mísseis


����� ����

���������������������������� Por acreditar na importância cada vez maior da atitude do consumo consciente e no equilíbrio entre as possibilidades ambientais e as necessidades sociais, a SINUS em 2008 se propõe a incutir nos estudantes secundaristas a crença na necessidade de preservação do patrimônio natural das gerações futuras. Para tanto, haverá oficinas e palestras sobre desenvolvimento sustentável na programação do evento, bem como a distribuição de material educativo.


���������������

����� ����

A SINUS, desde a sua primeira edição , configura-se em uma ferramenta inovadora na formação dos estudantes secundaristas. Inspirada nos propósitos educacionais da UNESCO, a SINUS vai além da educação secundária formal e investe na formação de futuros cidadãos globais. No entanto, a cada edição é perceptível a baixa participação de alunos de escolas públicas. Consciente da responsabilidade em promover uma maior inclusão de jovens oriundos no ensino público, a SINUS em 2008 tem como meta possibilitar que estes estudantes representem 20%. Como estratégia, buscaremos parcerias que custeiem os gastos individuais desses alunos com a taxa de inscrição, transporte, hospedagem e alimentação.


O sucesso logrado nas edições anteriores da SINUS teve como peça fundamental nossos parceiros. São o apoio e a confiança que nos são depositados por várias instituições que, a cada ano, tornam possível a realização do projeto. Assim, com o intuito de manter seu prestígio acadêmico, consolidar sua imagem e promover sua expansão, a SINUS busca constituir novas e duradouras parcerias que possam engrandecer não somente o projeto, mas também aqueles que a ele se aliem.

���������

���������� ��� ��������� �������������� - O Instituto de Relações Internacionais da UnB é concebido como o mais tradicional centro de ensino e pesquisa em Relações Internacionais no Brasil, sendo reconhecido pela sua produção científica de excelência. Tendo em vista a minuciosa pesquisa acadêmica que constitui os anais da conferência, a SINUS conta com o apoio do IREL-UnB. ���������������������������������������������������� – A ACNUR é uma das representações da ONU no Brasil. A fim de buscar, conjuntamente, soluções para superar os desafios do desenvolvimento humano, essa instituição acredita no propósito social da SINUS. ���������������������������������������������� – Uma vez que a SINUS se configura como um evento de caráter nacional e que, por isso, recebe indivíduos de vários estados brasileiros, o apoio concedido pelo Brasília e Região Convention & Visitors Bureau ao projeto revela-se fundamental.


A equipe organizadora da SINUS 2008 coloca-se à disposição para qualquer esclarecimento. Para maiores informações, não hesite em nos contatar: Marianne Queiroz Secretária Geral sinus@sinus.org.br + 55 61 81444702

�������

Larissa Montenegro Secretária Administrativa administrativo@sinus.org.br + 55 61 91463031 Carolina Varão Diretora de Finanças financas@sinus.org.br + 55 61 84312769 SINUS - Simulação das Nações Unidas para Secundaristas Universidade de Brasília Instituto de Relações Internacionais Campus Universitário Darcy Ribeiro – Prédio da FACE Caixa Postal 04306 CEP 70.904-970 Brasília - DF Fax: (61) 32744117 sinus@sinus.org.br


SiNUS 2008 - Portfolio