Issuu on Google+

Voyeur.ismo Do francês, voyeur. Cultuar o prazer de olhar, observar situações íntimas, privadas. Espiar a intimidade alheia, olhar sem ser visto. Gostar de ver, contemplar.

O U T | 2 0 1 2

A programação contempla diversas atividades artísticas que dialogam com o voyeurismo, seja como propósito narrativo seja como temática, através de filmes, vivências, performances e discussões sobre artes visuais, cinema e temas da contemporaneidade. Vagas limitadas. Consulte disponibilidade.


CINEMA NAS NUVENS – PERSONAGENS QUE ESPIAM Projeções de filmes no último andar da Torre B do Sesc Vila Mariana. Quatro filmes que abordam o voyeurismo através da ótica cinematográfica.

JANELA INDISCRETA

DIA 25

QUI|20h

QUERO SER JOHN MALKOVICH

Direção: Alfred Hitchcock (EUA, 1954, 112min)

Direção: Spike Jonze (EUA, 1999, 112min)

Na cidade de Nova Iorque, o personagem Jeffries, interpretado por James Stewart, está confinado em seu apartamento com a perna quebrada. Entediado, o fotógrafo profissional espia os vizinhos com o binóculo quando começa a desconfiar que é testemunha de um assassinato.

Em seu novo emprego, um homem encontra uma porta escondida que serve de passagem para mente do ator John Malkovich, onde os intrusos podem permanecer por 15 minutos vivenciando a realidade sob a ótica do ator. O conflito se instaura quando o próprio John Malkovich resolve entrar “nele mesmo”.

DUBLÊ DE CORPO

DIA 27

SÁB|20h

SEXO, MENTIRAS E VIDEOTAPE

Direção: Brian de Palma (EUA, 1984, 114min)

Direção: Steven Soderbergh (EUA, 1989, 100min)

Um ator de filmes fracassados recebe a proposta de instalar-se no apartamento de um amigo enquanto procura um lugar para ficar após a traição de sua esposa. No apartamento novo, é testemunha de estranhos acontecimentos com uma vizinha e, ao querer ajudá-la, passa a correr sérios riscos.

Um casal enfrenta problemas na rotina sexual, que traz insatisfação e infidelidade. A partir da chegada de um amigo de infância deles, Graham Dalton, que grava depoimentos de mulheres falando sobre suas vidas sexuais, a vida dos personagens começa a sofrer uma grande transformação.

Solarium – Torre B | Grátis

Retirada de ingressos uma hora antes na Central de Atendimento

Foto: Reprodução

SEX|20h

Foto: Reprodução

DIA 26

Foto: Reprodução

QUA|20h

Foto: Reprodução

DIA 24


CLUBE DE LEITURA

CINEDEBATE

Debate literário

Exibição de filme e debate

QUI|15h

HISTÓRIAS ÍNTIMAS

DIA 31

QUA|15h

O OUTRO LADO DA RUA

Autora: Mary del Priore (Ed. Planeta do Brasil, 2011)

Direção: Marcos Bernstein (Brasil/França, 2004, 97min)

Encontro que discute a temática central do livro, que mostra como a sexualidade e a noção de intimidade foram mudando ao longo do tempo, influenciadas por questões políticas, econômicas e culturais, e passaram de um assunto a ser evitado para um dos mais comentados no mundo contemporâneo. Com Paulo Trevisan.

Para se refugiar da solidão, Regina, uma aposentada de 65 anos, procura pequenos delitos para denunciar à polícia. Uma noite, espiando o prédio do outro lado da rua, ela acredita ter presenciado um assassinato. Com Fernanda Montenegro, Raul Cortez e Laura Cardoso. Com Paulo Trevisan, professor e pesquisador de história da arte (USP)

Sala 4, 6° andar – Torre A | Grátis

Auditório | Grátis

Inscrições antecipadas na Central de Atendimento

Retirada de ingressos na Central de Atendimento

CALEIDOSCÓPIO

OLHAR E SER VISTO

Oficina

Juventudes - Vivência de Jogos de Improviso. Foto: Divulgação

DIA 16 TER|15h

DIA 25

QUI|17h

DIA 27

SÁB|15h

Visando a valorização social, a oficina ensina a criação passo a passo de um caleidoscópio, desde a confecção até seu manuseio. A palavra Caleidoscópio vem do grego e significa ‘instrumento para admirar o belo’. Em 1816, o físico escocês David Brewster em seus estudos científicos sobre os efeitos da luz criou o objeto, que é formado por um cilindro com espelhos inclinados e fragmentos de vidro colorido, que através do reflexo da luz exterior produz combinações de efeitos visuais. Com Juliane Lima, professora e arte-educadora.

Encontros e atividades socioculturais diversificadas que buscam compreender o jovem como indivíduo em processo de formação e com um universo cultural próprio. Neste módulo, o programa Juventudes traz uma série de jogos que envolvem a percepção física e cênica através do olhar para si mesmo e para o outro, dialogando possíveis interferências na criação da cena. Com Carina Prestupa da Cia Lona de Retalhos. Voltado ao público de 13 a 19 anos.

Sala 4, 6º andar - Torre A | Grátis

Informações: (11) 5080.3055 ou no 7º andar - Torre A Inscrições: terça a sexta, 13h30 às 21h30; sábados, domingos e feriados, 10h30 às 18h30

Inscrições antecipadas na Central de Atendimento

Praça Externa | Grátis | PAPO NA PRAÇA

Venha participar com seus amigos de um bate-papo descontraído na

Foto: Reprodução

Foto: Divulgação

DIA 18


O VOYEURISMO NAS ARTES VISUAIS

O CORPO EM PERFORMANCE NAS ARTES VISUAIS

Curso Artes visuais em debate

Oficina Foto: Andy Warhol

DIAS 9,16, 23 e 30 TER|19h30

Foto: Jessica Rosen. Com Thelma Bonavita

DIAS 11, 18 e 25/10 e 1/11 QUI|19h30

Encontros que trazem um panorama crítico do voyeurismo nas artes visuais clássicas e contemporâneas, seja como temática, linguagem ou estilo. A ideia é percorrer desde o imaginário cinematográfico dos séculos XIX e XX até artistas plásticos e obras que flertaram com a figura do voyeur, com o fetichismo e a observação/espionagem distanciada, a exemplo de Andy Warhol, Nan Goldin, Robert Mapplethorpe, entre outros. Com Angélica de

Estudo da percepção, da fisicalidade enquanto conceito e sua dimensão sensível e imagética, da exploração de materiais plásticos, do enfoque no voyeurismo, no fetichismo e no desejo como discurso estético. O principal desafio será explorar o trânsito de informações entre os meios (materiais plásticos, ambiente e corpo), resignificando as possíveis representações do corpo e seu ambiente. Com Thelma Bonavita, uma das artistas

Moraes, crítica de artes visuais, curadora e professora.

fundadoras do estúdio Nova Dança.

Sala de cursos, 3º andar – Torre A | R$ 40 | Inscrições antecipadas na Central de Atendimento

R$ 20 |

R$ 10

Sala 3, 6° andar – Torre A | R$ 40 |

R$ 20 |

Inscrições antecipadas na Central de Atendimento

R$ 10

NELSON RODRIGUES: CRONISTA DA VIDA PRIVADA “Sou um menino que vê o amor pelo buraco da fechadura. Nunca fui outra coisa. Nasci menino, hei de morrer menino. E o buraco da fechadura é, realmente, a minha ótica de ficcionista. Sou (e sempre fui) um anjo pornográfico”. (Nelson Rodrigues) Acompanhe a intervenção literária pelos espaços da Unidade, a partir do dia 31.


Sesc Vila Mariana Rua Pelotas, 141 CEP 04012-000 TEL.: (11) 5080.3000 email@vilamariana.sescsp.org.br sescsp.org.br /sescvilamariana

@sescvilamariana


Arte e Voyeurismo