Page 1

“Como quero que seja o meu futuro ?” Elementos chave nesta construção fevereiro de 2017


O futuro começa a partir do momento em que o pensa… O futuro não é dado. É construído… é uma construção de autor, depende do próprio, das suas ações, comportamentos e escolhas… requer a construção de um projeto de vida, alinhado com os objetivos, valores e interesses de cada um, bem como o desenvolvimento contínuo de competências.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


“Como quero que seja o meu futuro?” “Para onde vou?” São perguntas geradoras de alguma ansiedade, sobretudo considerando os novos paradigmas da sociedade. Vivemos num mundo incerto, volátil e em constante mudança.

Não há um trabalho seguro, um trabalho para toda a vida. Não há carreira que seja linear, definida ou pré-estabelecida. A própria vida, não traz manual nem trajetória definida… há várias trajetórias possíveis. Terminar os estudos, arranjar

trabalho, casar e ter filhos, é apenas uma das trajetórias e não a única possível.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Elementos chave para a construção

São vários os elementos chave que auxiliam na construção do futuro e o ajudam a assumir o comando do mesmo.

No sentido de instigar a reflexão sobre cada um destes elementos e sobre como os mesmos podem ser desenvolvidos, sugerimos-lhe a realização de alguns exercícios.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento: Quem sou?

Proatividade e definição de objetivos “para onde quero ir?”

Flexibilidade e capacidade de resolução de problemas

Pensamento crítico e abertura à aprendizagem

Fazer crescer o positivo e desenvolver o potencial

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento “Quem sou?”

“Não podemos mudar, não nos podemos afastar do que somos enquanto não aceitarmos profundamente o que somos”, já dizia Carl Rogers. O comportamento individual depende muito do grau de consciência que a pessoa tem de si mesma e do mundo em que vive. Quanto mais realista, objetiva e diferenciada for esta consciência de quem somos, maior será a possibilidade de sermos bem sucedidos nas sucessivas adaptações às circunstâncias da vida. Assim sendo, assume-se como fundamental ter consciência das suas possibilidades e competências, o que irá permitir o desenvolvimento de uma confiança pessoal e da consecução de uma boa prestação comportamental. Em seguida, sugerimos-lhe alguns exercícios de reflexão pessoal.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento “Quem sou?”

Exercício 1: Lema de Vida Pense num motto de vida que guie a sua vida. Escreva-o.

Os mottos de vida refletem a forma como percecionamos a vida e os acontecimentos à nossa volta, assim como podem encerrar aprendizagens e dicas de como fazer face aos acontecimentos da vida.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento “Quem sou?”

Exercício 2: As jarras de importância Reflita sobre o que é muito importante, importante ou pouco importante na sua vida, em termos de prioridades e valores.

Muito importante

Importante

Nada importante

As escolhas que fazemos no quotidiano devem estar alinhadas com os nossos valores pessoais.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento “Quem sou?”

Exercício 3: Análise SWOT “Conhece-te a ti mesmo!” (Oráculo de Delfos) Para ajudar a incrementar o autoconhecimento, sugerimos-lhe a realização da sua análise SWOT, registando que caraterísticas constituem uma mais valia para si (Strengths), que outras precisa desenvolver (Weaknesses), o que é que constituem oportunidades para desenvolver as suas forças (Opportunities) e quais são os cenários em que as suas fraquezas poderão causar embargo (Threats).

FORÇAS

FRAQUEZAS

Ex.: tenho facilidade em expressar as minhas ideias em grupo

OPORTUNIDADES Ex.: Vou participar nesta atividade, o que me vai permitir desenvolver ainda mais a minha capacidade de expressão.

Ex.: se tiver muitas tarefas em mão fico ansioso e bloqueio

AMEAÇAS Ex.: período final de avaliação no curso

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento “Quem sou?”

Exercício 4: Competências Pessoais Procure pensar e dar resposta às seguintes questões: • • • •

Em que é que me considero bom? O que é que preciso melhorar? O que me poderá ajudar neste sentido? O que me poderá impedir de desenvolver tais competências?

Refletir sobre as competências que possuímos é fundamental, de modo a fazer uso das mesmas em diferentes situações do quotidiano, bem como desenvolvê-las continuamente.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Autoconhecimento “Quem sou?”

Exercício 5: Feedback 360º Pergunta a diferentes pessoas do teu círculo pessoal (ex.: amigos, pais, colegas, professores...) e em quem confia: • 5 pontos fracos e 5 forças • Um comportamento que podes melhorar • Um comportamento a manter

Estar aberto a receber feedback por parte de outros significativos é essencial para refletirmos sobre o nosso desempenho, bem como sobre os nossos comportamentos e atitudes. Permite-nos abrir portas para novas aprendizagens, e para desenvolvermos o nosso potencial.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Proatividade e definição de objetivos

Poderíamos definir proatividade como capacidade de iniciar uma ação, tomar iniciativa, antecipar e prever dificuldades, obstáculos e situações futuras assim como planear formas para ultrapassá-las. Tal implica desenvolver uma visão estratégica em relação ao futuro, tendo em consideração o momento presente, e de algum modo dar resposta à pergunta “De onde venho? Onde estou? Para onde vou? Quando vou? Como vou?”. A definição de objetivos, ainda que não sendo a única componente com contributos na proatividade, é um dos elementos chave, que aqui lhe propomos refletir. Definir objetivos ajuda-nos a imprimir uma direção na nossa vida. No entanto, a definição destes objetivos deve obedecer a alguns critérios, de modo a poder contribuir efetivamente para o alcance dos mesmos. Importa não esquecer que os objetivos devem ser concretos, realistas, desafiantes, positivos e avaliáveis.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Proatividade e definição de objetivos

Exercício: “De onde venho… e para onde vou? Como vou? Quando vou?” * Definindo objetivos em 6 passos *

Pare, pense e identifique um objetivo pessoal

Escreva esse objetivo

Que resultados espera conseguir quando atingir o objetivo

Escreva os passos necessários para atingir o seu objetivo

Identifique o que necessita para alcançar tal e quais os possíveis obstáculos ao alcance do mesmo

Estabeleça a duração e datas para os passos

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Flexibilidade e Resolução de problemas

Todo o problema tem uma solução. É pois fundamental desenvolver a nossa capacidade de resolução de problemas, aposta pelo exercício de um pensamento crítico e reflexivo, e uma visão macro, a partir da qual nos leve a tomar uma decisão e a

nos responsabilizarmos pela escolha feita.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Flexibilidade e Resolução de problemas

Exercício: Visão Helicóptero Perante uma situação problema a ser resolvida, não se esqueça de experimentar esta “Visão helicóptero”. Comece por parar, respirar fundo e analisar o que está a acontecer (grande cenário), segundo diferentes perspetivas, para que, com base nesta informação, consiga identificar qual a decisão “mais sábia” a tomar.

SELF “O que é que estou a sentir?” “O que é que esta situação significa para mim?”

STOP! Respire fundo! Qual o “grande cenário”?

ALGUÉM FORA DA SITUAÇÃO Como é que alguém fora da situação interpretaria o que está a acontecer? O que é que essa pessoa diria ou faria?

OUTROS ENVOLVIDOS Como é que outros envolvidos nesta situação vêm a mesma? Que significado atribuem à situação? Quais poderão ser os seus sentimentos e pensamentos face a tal situação? “WISE MIND” (Mente sábia) Qual será a melhor coisa a fazer nesta situação, para mim e para os outros?

Referência: retirado e adaptado de www.getselfhelp.co.uk | Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Pensamento crítico / abertura à aprendizagem

Adotar uma postura de abertura à aprendizagem, apostando no desenvolvimento

constante das

nossas competências,

expandir

interesses e mostrar curiosidade, assume-se como central.

Não podemos esquecer que cada nova informação recebida, ajuda-nos a pensar de forma diferente. Permite-nos desenvolver o conhecimento que temos acerca de nós e do mundo, e assim desenvolver o nosso potencial.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Pensamento crítico / abertura à aprendizagem

Exercício: Abertura às aprendizagens Pense num desafio que enfrentou ou numa experiência recente que não tenha corrido bem (no curso, na realização de um trabalho…) e pergunte-se: –

O que correu bem e o que correu menos bem nesta situação?

O que posso aprender com esta experiência?

Qual a utilidade desta experiência para mim?

Em que me ajudou?

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Fazer crescer o positivo / Desenvolver o potencial

A experiência de elevado bem-estar psicológico pode ampliar os repertórios de pensamento-ação dos indivíduos.

Pessoas mais felizes ficam mais capazes de “alargar-e-construir”, tornam-se mais criativos, resilientes, socialmente conectados, física e mentalmente saudáveis, assim como mais produtivos (Fredrickson & Losada, 2005).

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


Fazer crescer o positivo / Desenvolver o potencial

Exercício: No final de cada dia •

Reserve algum um tempo para pensar sobre acontecimentos positivos que lhe aconteceram durante o dia.

Reflita sobre coisas que fez bem (disse ou fez) ou que lhe acontecerem de positivo nesse dia.

Pense sobre situações que não lhe tenham corrido como esperado e o que pode extrair dessas situações (“O que posso aprender com a mesma? O que posso fazer melhorar numa próxima vez?”).

Registe (ex.: num bloco de notas, jornal, aplicação do telemóvel) três acontecimentos positivos que ocorreram nesse dia/ três coisas pelas quais está agradecido.

Planeie o seu próximo dia, procurando pensar sobre o que pretende realizar.

| Site: scp.uma.pt | Email: servico.psicologia@mail.uma.pt


O futuro não é o lugar para onde estamos a ir. Mas um lugar que estamos a criar. O caminho para o futuro não é encontrado mas é construído e o ato de o fazer, muda tanto o realizador quanto o seu destino. Antoine Saint-Exupéry


Ficha Técnica Autores: Carla Vale Lucas, Filipa Oliveira, Luísa Soares Edição: Serviço de Psicologia da Universidade da Madeira Ano: 2017 Local: Funchal, Portugal Contatos do Serviço de Psicologia da Universidade da Madeira Site: scp.uma.pt

Email: servico.psicologia@mail.uma.pt Telefone: 291 20 94 98 / 91 81 59 467 Facebook | Linkedin | Academia.edu | Newsletters


Como quero que seja o meu futuro?  

Neste documento são abordados os elementos chave para a construção do futuro (autoconhecimento, proatividade, abertura à aprendizagem...). P...

Como quero que seja o meu futuro?  

Neste documento são abordados os elementos chave para a construção do futuro (autoconhecimento, proatividade, abertura à aprendizagem...). P...

Profile for scp_uma
Advertisement